Page 1

Segunda-feira

Ano XV w NATAL-RN,

19 DE NOVEMBRO DE 2012 w Nº 4.494

R$ 1,00 w jornaldehoje.com.br

> ELEIÇÃO ESTADUAL DE 2014

Garibaldi deixa claro que não disputará o Governo “mas PMDB terá o seu candidato” ATUAL MINISTRO DA PREVIDÊNCIA DIZ QUE NÃO TEM “ASPIRAÇÃO” E NEM “APTIDÕES” PARA CONCORRER DE NOVO AO CARGO DE GOVERNADOR. ELE GARANTE QUE O FUTURO DO PARTIDO SERÁ DEFINIDO PELOS PREFEITOS E VEREADORES ELEITOS ESTE ANO POLÍTICA 3

> APÓS 11 DIAS DE GREVE...

> ATÉ ALIADOS RECLAMAM

Wellington Rocha

Para Mineiro, gestão de Rosalba ‘vive crise política e gerencial’ POLÍTICA 3

> LEIDE MORAIS

Profissionais alegam “falta de condições” para realizar partos José Aldenir

Negociação entre trabalhadores e empresários aconteceu esta manhã no TRT. Grevistas, que pediam reajuste salarial de 25%, aceitaram 10% (qualificado) e 8,38% (servente)

Operários da construção civil voltarão ao trabalho amanhã

Em trabalho de parto, mulher é transferida para outro hospital CIDADE 6

> CONTRATO RENOVADO

CIDADE 8

Givanildo Oliveira comandará o ABC na próxima temporada

José Aldenir

> DIA DO DOADOR

Ações mostram que doar sangue é um ato simples e que pode salvar vidas

ESPORTE 14

> O VELHO COMUNISTA

A história de paixão e ideologia que une Olavo Queiroz e Cuba

Para comemorar o Dia Nacional do Doador de Sangue, 25 de novembro, atividades e palestras acontecem em Natal a partir de hoje. Objetivo é incentivar a população a praticar este ato de solidariedade. CIDADE 9

CULTURA 17

Túlio Lemos

Marcos A. de Sá

Daniela Freire

Vicente Serejo

Rubens Lemos F.

Página 3

Página 7

Página 12

Página 13

Página 16

w O PMDB só aguarda o me- w Pesquisa Sebrae mostra o RN com índices de confiança lhor momento para deixar o acima da média nacional. Governo Rosalba Ciarlini.

w Ricardo Motta chega hoje e prepara terreno para eleição de novo conselheiro do TCE.

w Futurologia para 2014 só faz sentido se Garibaldi Filho for candidato a governador.

w Sem trocadilhos infames, o homem que prova: a bola escreve certo, por faces tortas.

ESCREVEM ARTIGOS DA EDIÇÃO DE HOJE Ailton Salviano Anísio Marinho Neto Elviro Rebouças Francisco Teixeira Peixoto Alexandre Gonçalves Frazão Ana Luíza Rabelo Spencer OPINIÃO - Página 2 INDICADORES: Dólar comercial R$ 2,07 Dólar turismo Dólar/Real

R$ 2,18 R$ 2,07

Euro x real R$ 2,65 Poupança 0,50%/0,41% Taxa Selic 7,25%

E-MAIL REDAÇÃO:

jornalismo@jornaldehoje.com.br

ACESSE O SITE:

www.jornaldehoje.com.br

SIGA-NOS NO TWITTER:

@jornaldehoje

TOTAL DE PÁGINAS NESTA EDIÇÃO

20 CMYK


2 O Jornal de HOJE

Artigo

Opinião

Natal, 19 de novembro de 2012

FRANCISCO TEIXEIRA PEIXOTO, suboficial telegrafista da reserva da Marinha do Brasil

Amancio

Segunda-feira

Artigo

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com

"19 de novembro Dia da Bandeira" Diante do calendário cívico-militar do nosso País, além das comemorações que são atribuídas à Proclamação da República, neste mês de novembro de 2012, o povo brasileiro pode rememorar também três acontecimentos históricos que foram dedicados à Bandeira Nacional Brasileira, esta que tem a primazia de ser o símbolo magno da nossa pátria. No início do período republicano, nas suas datas comemorativas, a Bandeira Nacional Brasileira era içada sob os acordes do Hino Nacional Brasileiro mas, a partir do dia 9 de novembro de 1906, recebeu em seu louvor o Hino à Bandeira. O hino foi composto por determinação do engenheiro civil doutor Francisco Pereira Passos, prefeito do Distrito Federal, cognominado: "O Remodelador", e recebeu a letra do ilustre brasileiro, escritor e poeta Olavo Braz Martins dos Guimarães Bilac, Olavo Bilac, e a música do notável compositor e maestro Antônio Francisco Braga. O Distrito Federal tinha a sua sede representativa naquela época no Estado do Rio de Janeiro. Após a sua composição, este maravilhoso "epinício cívico" de exaltação nacional foi apresentado ao referido prefeito, no dia 9 de novembro de 1906, no governo do presidente Francisco de Paula Rodrigues Alves, e foi cantado pela primeira vez no Brasil naquela mesma data. Hoje, 19 de novembro, é o "Dia da Bandeira". Esta grandiosa data cívica

Artigo

torna-se mais significativa para a Nação Brasileira, e de um modo especial para o nosso Estado, porque foi criada em 15 de novembro de 1908 pelo notável potiguar Manuel Tavares da Costa Miranda - Manuel Miranda, no governo do presidente Afonso Augusto Moreira Pena. Esse notável brasileiro nasceu na comarca de Penha, província do Rio Grande do Norte naquela época, atual cidade de Canguaretama, no Estado que recebe o nome daquela mesma província. As comemorações que são atribuídas ao Dia da Bandeira ocorrem a cada dia 19 de novembro, às 12h00m, em homenagem ao dia da criação da Bandeira Nacional Brasileira, no ano de 1889, e que fora criada pelos ilustres brasileiros Raimundo Teixeira Mendes e Miguel Lemos, com o desenho do pintor Décio Vilares. As primeiras Bandeiras do Brasil foram confeccionadas em lavor artístico pela notável Senhora Flora Simas de Carvalho, sendo a primeira em tecido de algodão e a segunda em tecido de seda. Deus! Abençoe o nosso povo, hoje e sempre e "in memoriam", estes próceres brasileiros, cujo fruto cívico de cada um deles recai sobre a nossa Pátria na forma de uma essência pura, cívica e salutar, e que reflete a mais bela e sublime expressão filosófica de seus respectivos idealizadores, criadores, escritores e compositores, vindo assim, fortalecer, engrandecer, elevar e enobrecer o sentimento cívico e patriótico do povo brasileiro.

ALEXANDRE GONÇALVES FRAZÃO, promotor de Justiça do MPRN (alexandre.frazao@bol.com.br.)

Crime e piedade Como já pontuei em outros artigos publicados neste democrático espaço jornalístico, dou sempre especial atenção aos princípios e valores que os fatos públicos revelam, para além de seus contornos estampados nas mídias em geral, normalmente consumidos como peças jornalísticas a serem esquecidas pela matéria seguinte. Nesta semana que passou, dois fatos chamaram-me a atenção, por revelarem em comum uma característica de nossa moral pública que tão mal nos está fazendo nessa nossa breve prática democrática após a queda do regime militar. O primeiro deles foi protagonizado pelo ministro Dias Toffoli, no julgamento da ação penal n° 470 – a que trata do caso do "mensalão". Tentando convencer seus pares de que a pena de prisão para os condenados pelo escândalo era desproporcional e injusta, buscou sensibilizá-los de que estariam a mandar para a cadeia alguém sem qualquer periculosidade, no caso, a expresidente do Banco Rural, Kátia Rabello. E a violência contra Kátia seria tanto maior, segundo o ministro, considerando que a mesma era bailarina por formação. Não combinaria, dada a polida e artística história da condenada, com o mundo sombrio e dantesco de nosso cárcere. No outro episódio, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, revelou que preferiria a morte a enfrentar algumas das prisões brasileiras por longo período, no que tentou revelar toda sua compaixão por aqueles que vivem nessa condição degradante da clausura penal, entre os quais poderão se incluir, em futuro próximo, alguns de seus mais insígnes companheiros de partido que foram condenados pelo Supremo Tribunal Federal pela compra de votos para obtenção de apoio parlamentar durante o primeiro mandato do presidente Lula. Independente da ideologia política de seus protagonistas, bem como de seus interesses imediatos com as posições tomadas, os dois episódios revelam um pouco do problema moral que assola a prática democrática brasileira, a que já me referi no artigo "Nosso calvário", também publicado neste O Jornal de Hoje. Simplesmente não conseguimos entender que o crime é ruim para a sociedade e o criminoso é o principal responsável pela degradação da vida resultante de suas escolhas. Por isso mesmo, não conseguimos adotar ou aceitar os mecanismos necessários para tonar mais rígida e eficaz a responsabilidade daqueles que praticam crimes graves, como a corrupção e o homicídio. Com personalidade teatral e novelesca, mais vinculada à forma do que à essência dos fenômenos, focamos quase sempre no drama humano do problema, desprezando os antecedentes e consequentes de nosso comportamento, bem como as razões e condições que nos levam a conviver com um Estado que é corrompido diariamente por sua prática política e uma sociedade que é dilacerada anualmente por perto de 50.000 homicídios, nem 10% deles investigados pelos órgãos repressores do Estado. Não que seja irrelevante a comiseração pelo destino das almas humanas,

nem que seja despropositado se preocupar com as condições de encarceramento dos presos. Muito ao contrário. Mas o que é revelador é que, tanto num episódio quanto no outro, a preocupação revelada de ambas as autoridades era a simples piedade privada, enquanto que suas respectivas responsabilidades públicas para com a República e seus valores essenciais não tiveram a atenção devida. Alguém já viu ou leu declaração do ministro José Eduardo Cardozo com tal ênfase emotiva em relação ao estado de deflagração social decorrente dos homicídios que assolam o país? Algumas lágrimas derramadas pela manutenção de um sistema prisional em que o preso não é preso e faz o que quer, inclusive comandar o crime de dentro das penitenciárias em desfavor de agentes públicos? Alguma lamentação pelos delitos em série praticados por adolescentes sem qualquer punição minimamente justa? Será que vale mais se preocupar com o histórico de dançarina de uma condenada que assim o foi em função de ações livremente cometidas, ao invés de mostrar-se favorável para a rígida punição daqueles que subverteram a ordem representativa do país, reforçando ainda mais a ignóbil natureza mercantil de nossas práticas políticas? Nosso atraso social e político é diretamente proporcional ao nosso descaso para com a responsabilidade individual daqueles que cometem crimes graves. A partir do momento em que dermos uma viragem prática na afirmação dos valores protegidos pelas leis, e entendermos que o verdadeiro responsável pela desgraça que se abate – ou deveria se abater – sobre os que infringem as normas penais básicas da nação é o próprio delinquente, violento ou não, poderemos chorar e lamentar os reais problemas que nos afligem, passando a agir efetivamente para corrigi-los. Estaremos prontos para realizar um melhor controle de armas, para a extinção de benefícios carcerários injustificáveis, para maiores investimentos em defesa e inteligência, tanto estratégica quanto de segurança pública, para reforço dos poderes investigatórios da polícia e do Ministério Público, bem como para a reformulação dessas Instituições que as tornem mais aptas ao enfrentamento dos crimes graves, para redefinir os práticos contornos da presunção de inocência (hoje a maior garantia de impunidade e responsável pelo uso abusivo das prisões provisórias), para rever a responsabilidade penal de adolescentes, para estimular a pesquisa nas universidades de tecnologias e teorias de combate ao crime e controle dos criminosos, entre outras tantas questões a demandar alterações em prol de uma sociedade mais segura e realmente focada no binário liberdade-responsabilidade, fundamento de qualquer sociedade sadia. E deixaremos, quem sabe, de bailar o Fado Tropical escrito e cantado por Chico Buarque de Holanda, numa caricatura já antiga de nosso problema moral, de raízes históricas: "Quando me encontro no calor da luta, Ostento a aguda empunhadora à proa Mas meu peito se desabotoa. E se a sentença se anuncia bruta Mais que depressa a mão cega executa Pois que senão o coração perdoa"

ANÍSIO MARINHO NETO, 1º procurador de Justiça Criminal, professor e membro da ALEJURN e do IHGRN (anisiomarinho@hotmail.com)

Entidades de atendimento

Artigo

ANA LUÍZA RABELO SPENCER, advogada (rabelospencer@ymail.com)

Venha (muito) a nós... E ao vosso reino, nada. Essa frase popular é muito conhecida pela maioria de nós e retrata a máxima do egoísmo. Um pecado, considerado capital, muito praticado, sem culpa e nem ressalvas. Quando se fala em defeitos, costumase esconder ou envergonhar-se daqueles que se possui. Ninguém diz que é preguiçoso, guloso ou invejoso. Egoísmo e usura, porém, são considerados "quase" qualidades, questão de inteligência e sobrevivência. Que coisa mais sem propósito. Egoísmo não tem nada de "legal", nada de quê se orgulhar. É uma característica vil, e pior é o fato de ser conservada pelo homem. Toda religião, toda

Artigo

doutrina e toda família têm o dever, a obrigação, de coibir as mais diversas formas de egoísmo, de ensinar a não pôr a si, seus desejos e interesses acima do bem comum, do social. O egoísta não enxerga nada além de seu próprio bem estar. Quando somos egoístas, desequilibramos a balança de energias positivas do universo, deixamos de pensar em nós como elemento do conjunto mundo e nos tornamos um conjunto unitário paradoxalmente cheio de coisa nenhuma, um conjunto vazio em conteúdo válido. É como se fosse um ciúme, que todos sabemos que é um sentimento triste de se cultivar, só que, ao contrário deste, o

egoísmo é um ciúme de objetos, de coisas inanimadas. Não é fácil lutar contra quem somos, quebrar velhos hábitos, mas gosto de acreditar que não são nossos defeitos que nos definem e, sim, a forma e força com que lutamos contra eles. Todos queremos e precisamos ser pessoas melhores. A maioria dos "simples mortais" está bem longe da "perfeição". Algumas coisas, porém, são imprescindíveis na evolução pessoal e espiritual. Separar-se do egoísmo é um grande passo, um passo importante na caminhada de cada um. Então, por que não tentar? A vitória só vem aos apostadores e apenas um degrau pode mudar sua vida!

AILTON SALVIANO, geólogo e jornalista (ailton@digi.com.br)

Era muito pobre; possuía apenas... Dinheiro! Desde que surgiu, o dinheiro sempre esteve associado à riqueza. Ao contrário, a pobreza normalmente é a carência do dinheiro. Horácio, poeta latino, provavelmente pela sua origem humilde (filho de escravos) na sua Ode VII já nos brindava com a célebre expressão "aurea mediocritas" que exaltava a condição pobre, porém feliz de viver, em detrimento aos ricos pobres de espírito. Se considerarmos riqueza como fonte de bens morais e materiais, não poderemos atingi-la apenas por meio da abundância, da fartura ou da opulência. Nelson Rodrigues disse certa vez: "dinheiro compra até amor verdadeiro!" Sim, pode até comprar, mas não adquire honradez, caráter, honestidade, sabedoria, inteligência, bom-senso, vergonha, probidade e outros atributos inerentes às pessoas virtuosas. Em suma, a riqueza não é feita só de dinheiro. Alguns pseudo-ricos ou emergentes poderão até discordar e aí está a prova patente da mensagem de Horácio e do tema deste artigo. Nos meus tempos de criança, ouvi muito uma canção que dizia: "Pobre menino rico da zona sul da cidade..." Não se tratava de uma apologia à pobreza, mas falava principalmente, da carência

Artigo

de felicidade, um dos atributos dos ricos de apenas, dinheiro. A mídia bombardeia-nos a todo instante com ofertas de dinheiro fácil, todavia, ninguém nos oferece meios de conseguir coragem, dignidade, retidão, brio, mesmo a alto custo. O vil metal em seu amplo mimetismo designativo adquire variadas denominações conforme sua finalidade ou a condição do seu portador. Desta forma, para o religioso é óbolo; para o mendigo, esmola; para o profissional, provento; para o servente, gorjeta; para o corrupto, suborno; para o militar, soldo; para o advogado, honorário; para o economista, receita; para o trabalhador, salário; para o fiscal, tributo; para o trabalhador avulso, biscate; para o político honesto, verba; para o poupador, pecúlio; para os filhos, mesada; para o vendedor, féria; para o investidor, capital, e assim, tem sido o grande mal e paradoxalmente, o grande bem da humanidade. Após todas essas denominações é interessante ressaltar que o Brasil não tem nenhum interesse de preservar o nome do seu dinheiro. Assim, tivemos ao longo do século 20: réis, cruzeiro, cruzeiro novo, cruzado, cruzado novo, cruzeiro real e, finalmente, real. A grana nossa de

cada dia, produto da evolução do escambo, originalmente foi sal (daí salário), gado - pecus em Latin - (daí pecúlio, pecuniário), cacau, açúcar, fumo, pano, cortiça etc. O dinheiro não teve um inventor; surgiu da necessidade dos povos. O tradicional cifrão ($) dizem que teve as suas origens na representação gráfica dos caminhos tortuosos do general Tariq na invasão da Península Ibérica acrescidos das duas linhas paralelas verticais simbolizando as colunas de Hércules (hoje os editores de textos reduziram a apenas uma linha), é na minha opinião, erroneamente interpretado como símbolo de poder e de força. Tio Patinhas pode ser o personagem de Disney com mais dinheiro, porém o professor Pardal é mais rico de idéias! Este é apenas um pequeno exemplo das nossas primeiras leituras. E para concluir, esta máxima de um autor anônimo: "O dinheiro pode comprar uma cama, mas não o sono; livros, mas não a inteligência; alimentos, mas não o apetite; uma casa, mas não um lar; medicamentos, mas não a saúde; luxo, mas não a cultura; divertimento, mas não a felicidade; um passaporte para qualquer lugar, mas nunca para o Paraíso."

ELVIRO REBOUÇAS, economista e empresário (elviroreboucas@hotmail.com)

O Brasil com urgência de investimentos Um dos poucos consensos existentes hoje no Brasil, além da constatação das precariedades na saúde e do ensino, entre outros, é sobre a falta de investimentos públicos na infraestrutura. Tanto que, no segundo governo Lula, foi lançado o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), sob concordância geral dos brasileiros, com aplausos por parte dos correligionários e até dos adversários do líder petista, hoje um ícone nacional. Apresentado como solução para o grave problema, o PAC, porém, nunca produziu o efeito que dele se esperava. Continua emPACado, mesmo sendo a estrela que mais reluz na retórica do atual Governo da nossa Presidenta Dilma Rousseff. Restou comprovada a ineficiência de gestão do governo na execução de projetos. Estatísticas publicadas esta semana pelo jornal O Globo são irrefutáveis: de janeiro a setembro, a União conseguia gastar de forma efetiva apenas 44% dos R$ 102,3 bilhões aprovados pelo Congresso para investimentos; menos, proporcionalmente, que os 46,7% executados no mesmo período do ano passado. E, ainda assim, boa parte dos recursos foi proveniente das sobras ("restos a pagar") do ano anterior. Do orçamento de 2012 propriamente dito, apenas 14,5% foram investidos de fato. O exemplo do momento é o setor elétrico, em que, com interferência direta da presidenta Dilma, foram baixadas regras para a renovação de concessões que sacrificam a rentabilidade das empresas

a ponto de ameaçar investimentos em um setor de importância estratégica vital. A queda vertiginosa de ações de concessionárias nas bolsas, no Brasil e exterior; sinaliza a necessidade de o governo repensar – e negociar – as bases do modelo de postergação de concessões em troca de necessários cortes tarifários, desejados por todos. O Palácio do Planalto precisa decifrar sinais como este. Não deveria escapar de sua atenção, também, o fato, noticiado terça-feira pelo jornal Valor Econômico, de a captação de recursos por companhias elétricas já ter sido afetada pela MP da nova regulação. A própria estatal Eletrobrás adiou para o ano que vem o lançamento de debêntures a fim de captar R$ 2 bilhões para investimentos. Também de função de todas as incertezas que passaram a envolver negócios nessa área, a Eletropaulo, em setembro, teve de aumentar os juros de debêntures emitidas para levantar R$ 750 milhões. Tudo isso é grave, pois se trata de projetos que estão sendo adiados e/ou cujo custo se elevará. A taxa de investimentos total da economia já é anêmica (algo em torno de 19% do PIB). Com mais este freio provocado pelo intervencionismo descalibrado, ficará muito mais difícil a economia conseguir crescer ao ritmo de 4%/5% ao ano, sem distorções. Começa-se a comprometer o futuro. Com relação à transposição das águas do rio São Francisco, para amenizar a sede nos sertões de Pernambuco, Paraí-

ba, Rio Grande do Norte e Ceará, uma das principais obras do PAC para o nordeste, o que constatamos é lentidão , quando não paralisia, exatamente quando vivenciamos uma das maiores secas na região, faltando água para a própria sobrevivência humana, e dizimando os nossos rebanhos de bovinos, caprinos e ovinos, com a perda total das plantações de feijão, milho e sorgo, além das culturas das frutas típicas. Não tivemos castanha, nem caju. Uma nação, como o nosso Brasil, que é a sexta economia mundial, 190 milhões de pessoas, um PIB anual superior a US$ 2 trilhões, maior produtor mundial de minério de ferro, de gado bovino e de soja, com uma produção de cereais, leguminosas e oleaginosas superior a 150 milhões de toneladas. Com abundantes jazidas de petróleo, aguardando a chegada do sonhado pré-sal, grande produtor mundial de café, arroz, de frutas, como laranja, papel, celulose e de cana de açúcar, não pode ficar sem uma agressiva e rápida política de melhoramento nos portos, rodovias, ferrovias e aeroportos, para escoar a sua produção, no mercado interno e na exportação para todos os continentes. Deve estar presente na mente dos nossos governantes, em todos os níveis, a premonitória e lapidar frase de Pero Vaz de Caminha, em 1500, ao reino português: "Nesta terra, em se plantando tudo dá". Como eu, você assim deve pensar leitor. Eu asseguro que todos repetiríamos: Deus seja louvado.

As entidades que ofereçam programas de atendimento socioeducativo em meio aberto e de semiliberdade deverão prestar orientações aos socioeducandos sobre o acesso aos serviços e às unidades do SUS. As entidades que ofereçam programas de privação de liberdade deverão contar com uma equipe mínima de profissionais de saúde cuja composição esteja em conformidade com as normas de referência do SUS. O filho de adolescente nascido nos estabelecimentos em que ele cumpra medida socioeducativa não terá tal informação lançada em seu registro de nascimento. Serão asseguradas as condições necessárias para que a adolescente submetida à execução de medida socioeducativa de privação de liberdade permaneça com o seu filho durante o período de amamentação. O adolescente em cumprimento de medida socioeducativa que apresente indícios de transtorno mental, de deficiência mental, ou associadas, deverá ser avaliado por equipe técnica multidisciplinar e multissetorial. As competências, a composição e a atuação da equipe técnica que atuará na avaliação do cumprimento das medidas socioeducativas deverão seguir, conjuntamente, as normas de referência do SUS e do Sinase, na forma do regulamento. Sendo que tal avaliação subsidiará a elaboração e execução da terapêutica a ser adotada, a qual será incluída no PIA do adolescente, prevendo, se necessário, ações voltadas para a família. As informações produzidas em tal avaliação são consideradas sigilosas. Excepcionalmente, o juiz poderá suspender a execução da medida socioeducativa, ouvidos o defensor e o MP, com vistas a incluir o adolescente em programa de atenção integral à saúde mental que melhor atenda aos objetivos terapêuticos estabelecidos para o seu caso específico. Suspensa a execução da medida socioeducativa, o juiz designará o responsável por acompanhar e informar sobre a evolução do atendimento ao adolescente. A suspensão da execução da medida socioeducativa será avaliada, no mínimo, a cada 6 meses. O tratamento a que se submeterá o adolescente deverá observar o previsto na Lei nº 10.216/2001, que dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas portadoras de transtornos mentais e redireciona o modelo assistencial em saúde mental. Enquanto não cessada a jurisdição da Infância e Juventude, a autoridade judiciária, nas hipóteses tratadas no art. 64 da Lei nº 12.594/2012, poderá remeter cópia dos autos ao MP para eventual propositura de interdição e outras providências pertinentes. A visita do cônjuge, companheiro, pais ou responsáveis, parentes e amigos a adolescente a quem foi aplicada medida socioeducativa de internação observará dias e horários próprios definidos pela direção do programa de atendimento. É assegurado ao adolescente casado ou que viva, comprovadamente, em união estável o direito à visita íntima. O visitante será identificado e registrado pela direção do programa de atendimento, que emitirá documento de identificação, pessoal e intransferível, específico para a realização da visita íntima. É garantido aos adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa de internação o direito de receber visita dos filhos, independentemente da idade desses. O regulamento interno estabelecerá as hipóteses de proibição da entrada de objetos na unidade de internação, vedando o acesso aos seus portadores. Todas as entidades de atendimento socioeducativo deverão, em seus respectivos regimentos, realizar a previsão de regime disciplinar que obedeça aos seguintes princípios: tipificação explícita das infrações como leves, médias e graves e determinação das correspondentes sanções; exigência da instauração formal de processo disciplinar para a aplicação de qualquer sanção, garantidos a ampla defesa e o contraditório; obrigatoriedade de audiência do socioeducando nos casos em que seja necessária a instauração de processo disciplinar; sanção de duração determinada; enumeração das causas ou circunstâncias que eximam, atenuem ou agravem a sanção a ser imposta ao socioeducando, bem como os requisitos para a extinção dessa; enumeração explícita das garantias de defesa; garantia de solicitação e rito de apreciação dos recursos cabíveis; e apuração da falta disciplinar por comissão composta por, no mínimo, 3 integrantes, sendo 1, obrigatoriamente, oriundo da equipe técnica.

NOTÍCIAS QUE OS OUTROS PUBLICARÃO AMANHÃ

OJORNALD EHOJE DIRETOR-EDITOR Marcos Aurélio de Sá DIRETOR ADMINISTRATIVO Marcelo Sá DIRETORA DE REDAÇÃO Sylvia Sá

EDITORES Fernanda Souza Juliana Manzano João Ricardo Correia EDITOR DE POLÍTICA Túlio Lemos EDITOR DE ESPORTES

w w w . j o r n a l d e h o j e . c o m . b r Gabriel Negreiros EDITORA DE CULTURA Daniela Pacheco EDITOR RESPONSÁVEL / PORTAL JH Wagner Guerra GERENTE COMERCIAL Karina Mandel

ASSINATURA ANUAL Capital: R$ 210,00 Interior (via ônibus): R$ 250,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EXEMPLAR AVULSO R$ 1,00

ASSINATURA SEMESTRAL Capital: R$ 130,00 Interior (via ônibus): R$ 150,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EDIÇÃO ATRASADA R$ 4,00

O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de não aceitar informes e material publicitário que infrijam as leis do país e a ética jornalistica. Informações, comentários e opiniões contidos em artigos assinados não possuem, necessariamente, o endosso da Direção. Só é permitida a reprodução de matérias com prévia autorização escrita e com a citação da fonte em destaque

REDAÇÃO E OFICINAS: Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova | Natal - RN - CEP 59056-570 |Brasil - Telefax: (84) 3211-0070 - Assinaturas: (84) 3221-5058 ramal 214 | jornalismo@jornaldehoje.com.br - www.jornaldehoje.com.br Editado e publicado por RN Gráfica e Editora Ltda. http://www.jornaldehoje.com.br - jornaldehoje@digi.com.br - jornaldehoje@uol.com.br - artigos@jornaldehoje.com.br - administracao@jornaldehoje.com.br - jornalismo@jornaldehoje.com.br - assinaturas@jornaldehoje.com.br - comercial@jornaldehoje.com.br


Política

Segunda-feira

Natal, 19 de novembro de 2012

O Jornal de HOJE 3

Garibaldi: “Não tenho aspiração para ser candidato a governador” M INISTRO

AFIRMA QUE NÃO PRETENDE DISPUTAR SUCESSÃO, MAS ALIADOS DISCUTIRÃO FUTURO DO

ALEX VIANA REPÓRTER DE POLÍTICA

O ministro da Previdência, Garibaldi Filho (PMDB), disse que já teve aptidões e qualidades maiores para ser candidato a governador do Rio Grande do Norte, mas que agora não tem essa aspiração. Na semana passada, o nome do peemedebista, que já governou o Estado por duas ocasiões (1995 a 1998 e 1999 a 2002), foi cogitado pela militância do PMDB para ser candidato a governador em 2014. Na avaliação do PMDB, o partido deve ter candidato a governador, até para evitar que aconteça o que se deu em Natal, quando se passaram 20 anos sem apresentar candidato a prefeito, quebrando o jejum apenas neste ano, com a candidatura de Hermano Morais (PMDB). A última vez que disputou o governo, o candidato do PMDB foi Garibaldi. A sigla perdeu a disputa para a governadora Wilma de Faria (PSB), que conquistou a reeleição. "Não tenho essa aspiração. Já tive. Diria até que, como diz o nosso homem mais simples, eu já

tive aptidões maiores para isso, já tive qualidades maiores. Já fui mais jovem para isso", disse o ministro nesta manhã, ao participar de um seminário sobre a pesca na Federação das Indústrias (FIERN). Garibaldi foi abordado novamente sobre a avaliação que o PMDB fará para discutir o resultado da eleição 2012 e as perspectivas e direcionamentos para 2014. No ano da Copa, estarão em jogo os cargos de governador do Rio Grande do Norte e um terço do Senado (uma vaga), além do cargo de vice-governador. Pelo atual cenário, a governadora Rosalba Ciarlini (DEM) seria candidata à reeleição e poderia indicar o presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Mota (PMN), como vice. Neste caso, sobraria a vaga para o Senado, que seria pleiteada pelo PMDB. Contudo, o partido ainda não tem quadro definido para indicar. O presidente da legenda, Henrique Alves, seria o nome natural para disputar o Senado. Contudo, a partir de fevereiro Henrique deverá comandar a Câmara dos Deputados e, se tudo corre bem, po-

Arquivo

Ministro Garibaldi Filho tenta descartar candidatura ao Governo do Estado em 2014: “Já fui mais jovem para isso” derá pleitear a reeleição ao cargo em 2015, se for reeleito para mais um mandato de deputado federal. Apesar disso, o PMDB não fala

oficialmente sobre 2014. Antes é preciso discutir o resultado da última eleição. "Deve haver uma avaliação do pleito, dos resultados,

que foram alvissareiros, mas precisam ser mais bem examinados", se restringiu a dizer Garibaldi ainda em contato com o Jornal nesta

PMDB

manhã. "Serão examinadas várias questões. Essas e outras, muitas outras, e algumas outras, e também porque acabou uma eleição, já é véspera de outra. Então, o partido tem que se mostrar atento a isso", observou. Sobre renovação da aliança com o DEM para 2014, Garibaldi afirmou que a aliança do PMDB com o PT, em nível nacional, nunca foi impedimento. "Nunca houve empecilho, nem impedimento, nem questionamento sobre isso. Tanto da direção nacional do PT, quanto do próprio governo. Nunca houve maior questionamento". O ministro disse que o norte sobre o futuro do PMDB será dado pelos prefeitos e vereadores eleitos em outubro. Os peemedebistas serão decisivos na definição do caminho a ser percorrido pelo partido em 2014. "O PMDB não quer saber junto ao governo, quer saber junto a esses que são os nossos companheiros. São eles que vão dizer da expectativa que eles têm. E, depois, se for o caso, se decidirmos assim, iremos aos interlocutores do governo para dizer o que realmente nós podemos fazer".

Novos prefeitos vão aumentar demanda de pleitos ao governo do RN O ministro Garibaldi Filho afirmou que as demandas de peemedebistas ao governo vão aumentar a partir de 2013, com a chegada de novos prefeitos e vereadores do partido. Ao avaliar as declarações do líder do governo,

Getúlio Rego (DEM), afirmando que a crise financeira dificulta o relacionamento com partidos da base, o ministro afirmou que é possível que isso ocorra, mas que isso não é determinante para a crise na base.

"Pode ser; não diria que isso é determinante. Mas pode, porque, de fato, o governo tem dificuldade, é o óbvio, para atender as demandas. E os parlamentares, por sua vez, são muito demandados, procurados, recebem as mais

variadas solicitações. E agora a demanda vai aumentar, porque são novos prefeitos e novos vereadores", salientou o ministro. Sobre as palavras do líder peemedebista na Assembleia Legislativa, Walter Alves, apontando que

a falta de articulação do governo está ocasionando o distanciamento do PMDB, Garibaldi disse que o filho fala com propriedade sobre o tema. "Isso melhor que ninguém, ele é quem pode avaliar. Porque o re-

lacionamento do governo é mais direto com a base, com a Assembleia, com os parlamentares. Então, eles que demandam mais diretamente o governo. Não resta dúvida que ele tem mais condições de fazer essa análise", observou.

> MINEIRO:

“Se os aliados estão insatisfeitos, imagine a oposição” O governo Rosalba Ciarlini (DEM) tem uma crise política e outra gerencial. A afirmação é do deputado estadual Fernando Mineiro, um dos líderes da oposição na Assembleia Legislativa. Segundo o parlamentar, o governo vive uma crise gerencial ao não conseguir administrar as finanças do estado. Ao mesmo tempo, as críticas públicas de aliados importantes como o PMDB, segundo Mineiro, mostram que o governo também enfrenta uma crise política. "Os aliados reclamarem do governo publicamente é a tradução da crise política. E a dificuldade financeira é a tradução da crise gerencial. O governo vive uma crise política e gerencial. Se os próprios aliados estão insatisfeitos, imagine a oposição. Inclusive eu gostaria de saber qual aliado está satis-

feito. Que venha a público algum aliado satisfeito", analisa o petista, respondendo críticas do líder do governo, Getúlio Rego (DEM). Sábado, em entrevista ao Jornal de Hoje, Getúlio classificou como "agressivas" declarações de setores da oposição, citando Mineiro, que fariam uma "comunicação equivocada" dos dados financeiros, ao afirmar que o governo tem saldo de caixa. Para Mineiro, porém, os dados são públicos. "Quem diz que tem superávit não sou eu, mas o Diário Oficial. Os balancetes publicados pelo próprio governo. Recomendo que ele (Getúlio) leia os balancetes e analise. É o próprio governo", rebateu o petista. Segundo o deputado oposicionista, existe descontrole na gestão das finanças do Estado. O governo não consegue administrar o excesso de arrecadação

Wellington Rocha

Deputado Fernando Mineiro avalia, pela ótica da oposição, a situação do governo de ICMS e também teria dificuldades para definir quais prioridades. "São dificuldades gerenciais do governo. Todos eles sabem disso",

acrescentou. Fernando Mineiro afirma ainda que a crise gerencial do governo é percebida pela base aliada da gover-

nadora Rosalba Ciarlini. Ele aponta o centralismo demasiado da gestão, focada em núcleo que concentra a decisão, além de deficiência para definir prioridades, como dificuldades da administração. "Os próprios aliados sabem que existe uma série de entraves gerenciais. O governo não consegue desenvolver a gestão como deveria, não consegue administrar, definir prioridades. É um governo muito centralizado", avaliou. O ministro da Previdência, Garibaldi Filho (PMDB), e o líder do PMDB na Assembleia, Walter Alves, apontaram o distanciamento do PMDB da base política de Rosalba. Segundo ambos, há insatisfação com a articulação do governo. Também seria preciso discutir os rumos da legenda para 2014 e o resultado das urnas deste ano.

Para Mineiro, as declarações de lideranças peemedebistas, contudo, refletem uma demarcação. Os aliados estariam desassociando-se da gestão, que enfrenta desgaste em vários setores nas mais diversas regiões, inclusive para não serem contaminados publicamente diante do desgaste. "O governo que não está respondendo as demandas da sociedade. E os próprios aliados estão demarcando a insatisfação para não ser contaminados politicamente com a rejeição da sociedade. Não estão querendo se desgastar com o desgaste do próprio governo", disse o petista. Para ele, a crise é mais acentuada porque o governo está ha quase dois anos no poder, fechando a metade da gestão agora em dezembro, e ainda passeia sem rumo.

Túlio Lemos POLÍTICA - TÚLIO LEMOS GRUPO O PMDB só aguarda o melhor momento para deixar o Governo Rosalba Ciarlini. Nos bastidores, fala-se na possibilidade de Garibaldi Filho unir a oposição em torno de seu nome. Porém, há resistência por parte do pai de Waltinho, o que poderia provocar a criação de uma chapa com a participação do filho de Garibaldi, Robinson Faria e Fátima Bezerra. UNIÃO Uma das chapas seria com Robinson Faria candidato a governador, com Waltinho Alves na condição de vice e Fátima Bezerra para o Senado. Essa chapa também contaria com o apoio de Carlos Eduardo e Wilma de Faria. A ex-governadora seria candidata a deputada federal. CHAPA Uma outra chapa seria encabeçada por Garibaldi Filho, que teria Fátima Bezerra como vice e Robinson Faria na condição de candidato ao Senado. O fato é que, qualquer que seja a chapa, só comporta um

tuliolemosjh@gmail.com / www.tuliolemos.com.br / @tuliolemosrn

Alves na majoritária. PRESIDENTE O deputado Henrique Alves, que comanda o PMDB, não figuraria na chapa de união da oposição. O namorado de Laurita, que deve ser eleito presidente da Câmara, se reelegeria deputado federal em 2014 e poderia ser eleito em nova legislatura de novo presidente da Casa, para aguardar a melhor situação para figurar como candidato ao Senado ou ao Governo do Estado no futuro. MICARLIZAÇÃO O eterno e fiel bacurau Wallace Garcia, está arrependido de ter votado em Rosalba Ciarlini para o Governo e pede para o PMDB deixar a aliança com o DEM "o mais rápido possível". Segundo ele, a gestão da Rosa "não tem jeito". Wallace profetisa: "Essa mulher (Rosalba) vai ser pior que Micarla". DINHEIRO O deputado Getúlio Rêgo, mesmo com toda a coerência e fi-

delidade que mantém ao grupo da governadora Rosalba Ciarlini, não consegue esconder a realidade de dificuldades enfrentadas pela gestão. O pai de Leonardo transfere a responsabilidade pelo caos para a falta de dinheiro; também apontada pelo parlamentar como pivô das reclamações de seus colegas de bancada. Mas ele sabe que não é só isso. DINHEIRO II Na verdade, a crise de relação entre a bancada de apoio ao Governo na Assembleia e a gestão Rosalba Ciarlini, é fruto do amadorismo gerencial e da auto-suficiência dos mandatários. Sequer falam com os aliados e os contabilizam como sugadores e pedintes em excesso. Os deputados sabem disso e também se afastaram. SILÊNCIO O secretário Chefe da Casa Civil, governador de fato, Carlos Augusto Rosado, não tem a menor preocupação em falar com a imprensa. Quando atuava nas sombras do poder, ele poderia se dá ao luxo de

silenciar sobre suas conhecidas ações. Porém, agora ele é oficialmente um cargo comissionado que tem deveres com a sociedade; entre eles, o de dar explicações sobre a gestão. PONTE Sherloquinho diz que o processo que investiga superfaturamento na construção da Ponte Newton Navarro, dorme em sono profundo em confortáveis gavetas do Tribunal de Contas do Estado. Compartilha o mesmo sono, roncando muito, o processo que investiga o Foliaduto. O que é que tá havendo? FORA DO AR O Tribunal Regional eleitoral decidiu que o juiz Herval Sampaio Jr., deve deixar de apresentar um programa que fazia na TV Mossoró. O TRE achou incompatível conciliar a função de juiz eleitoral com a apresentação de um programa na mesma cidade em que julga processos. O magistrado acatou a decisão, mas lamentou o fato de não poder mais fazer o programa.

O CARA De acordo com Sherloquinho, o 'todocadavezmaispoderoso' ministro Joaquim Barbosa, canta uma versão pessoal da música de Roberto Carlos: "Sabe quem condenou Zé Dirceu e Genoíno por corrupção, deu carão em Lewandowski, teve coragem de peitar os colegas e vai assumir a presidência do STF?: Esse cara sou eu!".


Política

Natal, 19 de novembro de 2012

4 O Jornal de HOJE

Segunda-feira

Wellington Rocha

Heracle Dantas

Walter Gomes DE BRASÍLIA - walgom@uol.com.br INTERINO - JOAQUIM PINHEIRO - jtpinheirojh@gmail.com A política do Rio Grande do Norte vive um momento de expectativa nesse final de 2013, ínicio de 2014, começando pela capital que está de prefeito novo após o insucesso político/administrativo da prefeita Micarla de Sousa. Paulinho Freire constitui-se na esperança de uma população que precisa ter restabelecidos os seus serviços básicos e essenciais, como coleta de lixo, saúde e mobilidade urbana. O novo prefeito precisa ter determinação, criatividade, recursos e vontade política para enfrentar a crise num ambiente que só se enxerga adversidades. Mas, nenhum governante realiza sozinho. É preciso o engajamento de todos, começando pela classe política através das suas principais lideranças. Nesse caso, a bancada federal é de fundamental importância para viabilizar recursos emergenciais junto ao governo federal. A população precisa cooperar com a nova administração, pois é ela o principal agente transformador. Natal, que é uma cidade eminentemente turística, merece e precisa ter um final de ano digno da sua importância no contexto nacional.

NOVO LIVRO "Meu Sertão de Canto a Canto", é titulo do livro de autoria do escritor e cordelista Marcos Medeiros, que será autografado no próximo dia 6 de dezembro às 19 horas na Livraria Nobel em frente ao Hospital Walfredo Gurgel. No livro Marcos Medeiros relata causos e coisas vivenciadas no sertão nordestino, onde nasceu e viveu alguns anos. O escritor Marcos Medeiros é professor aposentado de biologia da UFRN e publicou vários folhetos de cordel inerentes a sua profissão e relacionados à lida no campo.

(

PERGUNTAR NÃO PAGA IMPOSTO CURIOSIDADE APENAS Como é que uma pessoa quer ser professora se tem pânico de sala de aula?

LEITURA DINÂMICA t O prefeito Junior Quei-

roz do PMDB de Jucurutu assumirá um cargo no governo Rosalba Ciarlini. Possivelmente no DETRAN com o remanejamento de Willy Saldanha para outra função. Júnior é um dos políticos do Estado com mais prestigio junto ao secretário/chefe do Gabinete Civil, Carlos Augusto Rosado. t Projeto de lei de autoria do deputado Walter Alves obriga que todos os planos de saúde e seguros assistenciais à saúde forneçam a seus usuários justificativa em caso de negativa de procedimentos, exames, internamentos ou conduta similar. O consumidor deve receber um documento por escrito num prazo máximo de 48 horas passível de multa caso a determinação não seja cumprida. t O prefeito de Caicó Bibi Costa, do PR, examina a possibilidade de ser candidato a deputado federal em 2014. Acredita que Wilma de Faria terá votos suficientes para eleger dois candidatos à Câmara Federal. t O jornalista Walter Medeiros é o novo cidadão matagrandense. Mata Grande fica no sertão alagoano onde Walter morou durante sua infância. t A proibição de coligação na chapa proporcional será uma das prioridades da Câmara Federal nas votações do próximo

ano. Os deputados deverão acabar também com o coeficiente eleitoral. t Já existe melhoria na limpeza pública da capital depois que Paulinho Freire assumiu o cargo de prefeito. Mas é preciso que a população coopere não jogando lixo nas ruas. Além de constatar-se que existia boicote à prefeita Micarla de Sousa, é flagrante o poder de articulação do prefeito e a vontade política de resolver os problemas, mesmo diante de uma crise sem precedentes na história político/administrativa da capital. t O principal motivo na diminuição dos votos dos vereadores em Natal foi o grande número de candidatos na última eleição, principalmente pelo aumento de vagas, passando de 21 para 29 cadeiras no Legislativo Municipal. t Poetas e cordelistas terão um espaço para divulgar seus trabalhos. Trata-se do programa "TV Cordel", que será apresentado pelo poeta Hélio Gomes da Silva (Hegos) na TV União semanalmente. Quem informa é o poeta e cordelista, Marciano Medeiros, que está se especializando em escrever biografias no estilo de cordel. t Para refletir: "O homem começa envelhecer quando fica parecido com o pai". (Gabriel Garcia Marques, escritor colombiano)

)

Adão Eridan: “Paulinho está adotando uma atitude correta de contenção de gastos”

Chagas Catarino acredita que gestão funcionaria com 15 secretarias e não 27

Vereadores apoiam decreto que desativou secretarias municipais CINCO PASTAS FORAM CORTADAS PARA DIMINUIR GASTOS PÚBLICOS DA PREFEITURA Arquivo

JOAQUIM PINHEIRO REPÓRTER DE POLÍTICA

Vereadores da Câmara Municipal de Natal opinaram sobre a decisão do prefeito Paulinho Freire de desativar secretarias inoperantes e perdulárias como Serig, Ouvidoria e secretaria da Mulher, além da diminuição do número de cargos comissionados, muitos deles, segundo o vereador Adão Eridan, do PR, sem as pessoas comparecerem ao trabalho. "Paulinho Freire está adotando uma atitude correta de contenção de gastos. Sugiro, inclusive, que os recursos poupados sejam usados para limpar a cidade e tapar os buracos", afirma o vereador do PR, que foi um dos maiores críticos da administração Micarla de Sousa no plenário da Câmara Municipal. O vereador Chagas Catarino, do PP, também concorda com a diminuição do número de secretarias. No seu entendimento, a administração municipal funcionaria bem com apenas 15 secreta-

Paulinho Freire já tinha desejo de desativar secretarias para cortas custos públicos rias, em vez das 27 atuais. Presidente do Diretório Municipal do PMDB, o vereador Luis Carlos afirma que "embora esteja no final da atual administração a decisão de Paulinho Freire em eliminar secretarias é acertada para conseguir dinheiro objetivando

cumprir os compromissos, principalmente com o pagamento do 13º salário". Ele lembra que se tivesse acontecido o afastamento da prefeita no momento que propôs, a situação atual de dificuldades poderia ser outra e a cidade não estaria vivenciando uma crise

sem precedentes na sua história político/administrativa. "Mesmo diante das dificuldades, acredito que Paulinho Freire deixará a cidade limpa até final do ano", observa Luiz Carlos. ALGUMAS RESTRIÇÕES A vereadora Júlia Arruda, do PSB, considerou "importante" a contensão de gastos, mas entende que a decisão deveria ter sido tomada no início ou no decorrer da administração Micarla de Sousa, inclusive com a participação do próprio vice-prefeito Paulinho Freire. Ela diz ter restrições ao fechamento de órgão públicos como Secretaria da Mulher, Ouvidoria e Procon, sem haver uma discussão sobre o assunto. "Como fica a situação dos funcionários efetivos das instituições fechadas?", questiona a vereadora, acrescentando não existir tempo hábil para que sejam obtidos os resultados esperados com o fechamento das secretarias.

Sindicatos entram na justiça para evitar bloqueio de salários O vereador Fernando Lucena, informou na manhã de hoje que o Sindlimp e demais sindicatos, estão entrando na justiça para que não aconteçam bloqueios determinados pela própria justiça e consequentemente o pagamento dos salários dos servidores municipais referente ao mês de dezembro e 13º sejam garantidos. "É uma medida preventiva que alguns sindicatos estão adotando no sentido de que não se tenha surpresas desagradáveis e os servidores municipais fiquem sem salário no final do ano", disse o presidente do Sindlimp, vereador reeleito pelo PT. Ainda segundo Fernando Lucena, diante da crise instalada na

Prefeitura de Natal, o prefeito Paulinho Freire "terá que fazer um esforço de guerra", já que segundo ele, a prefeitura está gastando mais do que arrecada. Ele constata que "a situação de Natal é tão grave que mesmo diante das medidas de contenção de despesas adotadas pelo prefeito Paulinho Freire, os serviços básicos oferecidos à população como saúde e coleta de lixo ainda não estão funcionando na sua plenitude, mesmo acreditando que houve melhoria, principalmente com relação ao lixo, já que 400 garis estão trabalhando para minimizar o problemas e até final do ano a situação ficar sobre controle. (JP)

Lucena explica: entrar na Justiça é medida preventiva contra supresas desagradáveis

ADVOGADOS ESCOLHEM NOVA DIRETORIA DA OAB/RN José Aldenir

> CORTE DE CONTAS

Tarcísio Costa toma posse como novo presidente do TCE Na condição de vice-presidente da Corte de Contas, o conselheiro Tarcísio Costa assumiu a presidência do TCE, em substituição a Valério Mesquita, que se aposentou em face de ter atingido a idade limite no serviço público. Na tarde desta segunda-feira (19), o novo presidente fará reunião com todos os diretores da instituição para se inteirar da programação administrativa e financeira previstas até o final do ano. O conselheiro Tarcísio Costa

permanecerá no cargo até o final do ano quando assumirá o presidente que será eleito no dia 04 de dezembro e tomará posse no final do mês, para o biênio 2013/2014. Essa é a segunda vez que o conselheiro assume a presidência do Tribunal de Contas. Na primeira vez, durante o biênio (2003/2004) o marco da sua gestão foi a criação da Escola de Contas "professor Severino Lopes de Oliveira", considera hoje uma das melhores do país.

Advogados de todo o Rio Grande do Norte participam hoje da escolha da nova diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional RN. A votação começou às 9h e vai até as 17h. Em Natal, a disputa é entre os advogados Aldo Medeiros, que representa a oposição dentro da Instituição, e Sérgio Freire, que é apoiado pelo atual presidente, Paulo Eduardo Teixeira. Em Natal, a votação ocorre no Centro de Convenções, na Via Costeira. Além da capital do Estado, a votação ocorre também em Mossoró, Caicó, Assu, Pau dos Ferros e Macau, além de Currais Novos, que participa da votação pela primeira vez.


Política

Segunda-feira

Natal, 19 de novembro de 2012

O Jornal de HOJE 5

Além da pistolagem, MP quer cassação de vereador reeleito por quebra de decoro MINISTÉRIO PÚBLICO APRESENTA NOVAS PROVAS CONTRA EX-PRESIDENTE DA CÂMARA DE ASSU, ODELMO RODRIGUES Divulgação

CIRO MARQUES REPÓRTER DE POLÍTICA

Promotores de Justiça do Grupo de Atuação Especial de Combate à Corrupção (GAECO) apresentaram no final da manhã de hoje, à Câmara Municipal de Assu, as provas e petições relativas a crimes que foram imputados ao ex-presidente da Casa, Oldemo de Moura Rodrigues, do PSD. Ele é acusado de comandar um grupo de pistolagem na região do Vale do Açu e, mesmo preso em Natal, conseguiu ser o vereador eleito com maior número de votos no pleito do dia 7 de outubro. No ofício de encaminhamento da documentação para análise dos vereadores de Assu, assinado por Promotores de Justiça do GAECO e pelo Procurador-Geral de Justiça, Manoel Onofre Neto, é pedido a abertura de processo para cassação do mandato de Odelmo de Moura Rodrigues por condutas que violam o decoro parlamentar e vedações legais e constitucionais ao exercício de vereador. Segundo o Ministério Público (MP/RN), além de ilícitos penais, os delitos praticados pelo vereador também constituem infrações político-administrativas, que podem resultar na cassação do mandato pela Câmara Municipal. As provas entregues consistem, entre outros, em: documentos apreendidos; depoimentos de testemunhas; relatórios de interceptações telefônicas; cópias de processos administrativos e das ações criminais oferecidas contra o vereador. Todas as provas são focadas em três fatos praticados pelo vereador que violam a Lei Orgânica do Município de Assu, as leis penais do Brasil e a Constituição Federal, fatos esses paralelos aos crimes de

Vereador reeleito de Assu, Odelmo Rodrigues, é acusado de ser o mandante de assassinatos homicídios pelos quais ele responde (veja o quadro). Vale ressaltar que o compartilhamento dessas provas que será feito pelo Ministério Público Estadual foi deferido pelo Poder Judiciário. Todos os documentos que serão entregues foram obtidos no âmbito das investigações que resultaram nas operações "Mal Assombro" e "Carrancas do Rio do Meio", bem como nas demais diligências que continuam sendo realizadas para a elucidação dos crimes supostos de terem sido praticados pelo ex-presidente da Câmara Municipal de Assu. PISTOLAGEM Odelmo Rodrigues foi preso no dia 30 de agosto, acusado de integrar um grupo de pistolagem na região do Vale do Açu, que teria sido responsável por mais de 20 homicídios e teria encomendado, inclusive, a morte do deputado es-

tadual Nélter Queiroz. "Em Assu se falava em quem mandava matar, e nunca se chegou a um denominador comum. Hoje, depois do trabalho feito na região, estamos conseguindo mudar essa situação e tirando desse grupo a certeza da impunidade", afirmou o delegado Odilon Teodósio na época. Apesar de haver indícios da liderança de Odelmo nesse grupo criminoso, a prisão dele foi baseada em um caso em particular: a morte de Joaquim Gomes, em Natal, no ano 2000. O segurança da empresa Garra foi assassinado quando ia buscar a filha na faculdade, por quatro homens armados que desceram de um Fiat Palio e dispararam contra a vítima. A investigação do caso teria evoluído pouco durante esses 12 anos, mas a situação mudou depois da "Operação Mal-Assombro", realizada no final de maio, para prender um grupo suspeito de pistolagem na

Heracles Dantas

Procurador-geral de Justiça, Manoel Onofre Neto, também assinou documento contra vereador

região do Vale do Assu. VOTAÇÃO Apesar de não ter participado da reta final da campanha, por estar preso em Natal, Odelmo Rodrigues ainda foi o vereador mais votado de Assu, com 1.707 votos, ou seja, 4,99% do total. Inclusive, foi o único vereador do seu partido (PSD) a ser eleito. O segundo colocado teve "apenas" 1.306. DEFESA Sem citar nomes, o advogado do vereador Odelmo, Antônio Carlos, em contato com O Jornal de Hoje, logo após as eleições, afirmou que toda essa situação tem sido consequência de uma mera disputa política. Por isso, depois que ele venceu as eleições a expectativa era que tudo terminasse. "Os adversários que recorreram a essa estratégia vão ter que voltar atrás e reconhecer a vitória legal de Odelmo.

Mesmo com as dificuldades, sem poder participar da campanha e com os adversários liberando dinheiro

e comprando votos, que a gente sabe que infelizmente isso acontece, Odelmo conseguiu ser eleito".

ACUSAÇÕES DO MP CONTRA ODELMO RODRIGUES Odelmo de Moura Rodrigues era proprietário oculto de duas empresas (Biena e CF de Farias), que mantinham robustos contratos com o município de Assu, o que viola frontalmente as proibições de membros do poder legislativo contratar com o poder público após a diplomação; Odelmo de Moura Rodrigues, enquanto Presidente da Câmara de Vereadores, contratou, sem licitação ou qualquer outro procedimento, a CF de Farias - de sua propriedade - para realizar as obras de reforma da Câmara Municipal, montando posteriormente o processo licitatório quando lhe foi requisitada a cópia de tal processo pelo Ministério Público Estadual; Odelmo de Moura Rodrigues, enquanto Presidente da Câmara de Assu, disponibilizou e pagou linhas telefônicas móveis para uso privado de uma filha sua e de sua esposa.

> DENÚNCIA DO MP

Superintendente explica conta da Prefeitura na Caixa Nada de "anormal" no fato da Prefeitura de Natal ter uma conta na Caixa Econômica Federal (CEF), mesmo tendo um contrato assinado com o Banco do Brasil. Quem analisa é o superintendente da CEF no RN, Sérgio Roberto Linhares, que usou o seu perfil no Twitter para desmistificar o fato e a possibilidade disso ser encarado como um indício de participação da prefeita afastada, Micarla de Sousa, do PV, no esquema de corrupção montado no Município e denunciado pelo Ministério Público do RN. "Quem afirma que gestores públicos movimentaram milhões em contas pessoais na Caixa Não conhece o operacional de convênios. Todo convênio passa por uma conta de órgão público (PJ) e tem como representantes o gestor maior (no caso, a prefeita) e o secretário de Planejamento (Antônio Luna). Posso afirmar que não há nada de irregular na atuação da Caixa. Tudo segue

as regras e normas relativas aos convênios", declarou, pelo Twitter, Roberto Sérgio, após ser provocado pela jornalista Thaiga Galvão. O Jornal de Hoje também entrou em contato com a assessoria de comunicação da CEF no RN, que reforçou as palavras do superintendente e explicou que todo gestor público precisaria ter uma conta na Caixa para receber recursos provenientes de convênios públicos como, por exemplo, dinheiro para obras de recapeamento ou saneamento básico. Contudo, um pronunciamento oficial da CEF sobre o caso ainda é estudado. A existência de uma conta da Prefeitura de Natal na Caixa foi revelada pelo procurador-geral de Justiça, Manoel Onofre Neto, na semana passada, após ele anunciar que havia encontrado novos indícios do envolvimento de Micarla de Sousa no esquema de corrupção descoberto na gestão municipal.

José Aldenir

No entanto, o procurador não disse quais eram esses indícios, mas confirmou, ao menos, que essa conta era uma das coisas que chamava a atenção, porque estaria registrada com o CPF da prefeita afastada e, também, do secretário de Planejamento, Antônio Luna - apontado como sendo, também, um dos "operadores" do esquema. "A rigor, seria uma conta no nome da Prefeitura Municipal de Natal. Mas quando se simula um depósito nessa conta, aparece o CPF da prefeita afastada e o ex-secretário Antônio Luna como bases da conta", afirmou Manoel Onofre em entrevista concedida na semana passada. Além disso, outro agravante, segundo o procurador, é o fato do Município de Natal ter um contrato de exclusividade com o Banco do Brasil. "A conta na Caixa Econômica Federal é uma burla a este contrato", afirma Manoel Onofre.

Linhares: “Quem afirma que gestores movimentaram milhões em contas pessoais, não conhece o operacional de convênios”

> EM SESSÃO SOLENE

Assembleia promulga PEC dos bombeiros e dos temporários José Aldenir

AAssembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (AL/RN) realiza sessão solene, amanhã (20), às 10h, para promulgar duas Propostas de Emenda Constitucional (PECs): a dos Bombeiros, que trata da adequação dos militares do Corpo de Bombeiros à Constituição Federal e a que autoriza o Governo do Estado a contratar servidores temporariamente, em caráter emergencial. Num trâmite convencional, os projetos de lei são sancionados pelo Executivo, mas a sessão solene se justifica diante da envergadura da matéria, que altera a Carta Magna do Estado. A solenidade cumpre uma formalidade regimental prescrita no artigo 271 e por se tratar de uma emenda constitucional, não vai para sanção do governo, a própria Casa é quem a promulga.

Sessão solene cumpre formalidade regimental, por se tratar de uma emenda constitucional, e não vai para sanção do Governo

PEC A PEC dos Bombeiros muda

a redação da Constituição do RN, tendo em vista que não havia refer-

ência específica ao Corpo de Bombeiros. Desde 2002, estes mil-

itares foram desmembrados da Polícia Militar do Estado, por

meio de uma Lei Complementar. Ao adequar a Constituição Estadual à Federal, o regime jurídico dos militares será harmonizado e o Corpo de Bombeiros será inserido no contexto constitucional dos militares. Criado em 1917, o Corpo de Bombeiros do RN foi reestruturado em 1955 e no ano de 2002 foi separado da Polícia Militar, ganhando autonomia administrativa. A Comissão Especial que analisou a PEC dos Bombeiros foi presidida pelo deputado Antônio Jácome e composta pelas deputadas Márcia Maia – relatora da matéria, e Gesane Marinho (PSD). Foi constituída atendendo ao regimento interno da Casa, segundo o qual todas as Propostas de Emenda à Constituição devem ser apreciadas por uma comissão especial. Já a proposta de Emenda Constitucional 002, que autoriza o Gov-

erno do Estado a contratar servidores temporariamente, em linha geral é uma Proposta Normativa que vai alterar o regime jurídico aplicável às contratações temporárias no âmbito do Estado, mediante a adequação da Constituição Potiguar. A atual redação, ao vedar a admissão, por tempo determinado, de agentes estatais para o desempenho de cargos, emprego ou função em atividade de caráter permanente no Estado, restringe a aplicação de tal norma constitucional e impossibilita a contratação de pessoal para suprir a falta de profissionais nos quadros da administração. De acordo com o texto da PEC, o Supremo Tribunal Federal (STF) já asseverou a legalidade das contratações temporárias efetuadas pelo Poder Público, inclusive para o exercício de atividades de natureza regular.


6 O Jornal de HOJE

Natal, 19 de novembro de 2012

Cidade

Segunda-feira

Fotos? Jos[e Aldenir

Apenas atendimento de urgência está sendo realizado desde o dia 12. Profissionais assinaram nota sobre caos na unidade

Adriele chegou ao local em trabalho de parto e, sem atendimento, teve que esperar mais de 40 minutos por transferência

Profissionais suspendem internamentos de gestantes na Maternidade Leide Morais FALTA DE CONDIÇÕES DE TRABALHO E DEFICIÊNCIA NO CUMPRIMENTO DAS ESCALAS MÉDICAS SÃO ALGUNS DOS MOTIVOS ROBERTO CAMPELLO ROBERTO_CAMPELLO1@YAHOO.COM.BR

Na porta de entrada do Hospital Municipal da Mulher, também conhecido como Maternidade Professor Leide Morais, na zona Norte de Natal, uma nota pública afixada já demonstra que algo está errado. Desde o dia 12 de novembro, a unidade suspendeu os internamentos às gestantes, porém, mesmo sem condições, os profissionais estão garantindo apenas o atendimento de urgência. A falta de condições mínimas de trabalho somada à deficiência no cumprimento das escalas médicas, em especial dos pediatras, tem feito, as mulheres que procuram a Maternidade serem transferidas para o Hospital Santa Catarina. Na manhã desta segunda-feira (19), dos 22 leitos que a Maternidade dispõe apenas cinco estavam ocupados. Enquanto a Maternidade Leide Morais dispõe de 17 leitos vazios, a Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC) sofre com a superlotação, tendo que improvisar leitos nos corredores. Hoje pela manhã, a reportagem d'O Jornal de Hoje esteve na unidade para verificar os problemas, que foram confirmados pelos profissionais, que preferiram não se identificar por temer represálias. "Os profissionais estão todos aqui, só não temos condições de trabalho", desabafou uma enfermeira que pediu para não ser identificada. No início da manhã, durante pouco mais de uma hora, apenas uma paciente procurou atendimento na Maternidade e a recepção permaneceu vazia por grande parte do tempo. Adriele do Nascimento Lira, de 23 anos, chegou em trabalho de parto, na Maternidade. Ela foi aten-

dida pela obstetra de plantão que informou que o parto não poderia ser feito no Leide Morais e que ela seria transferida para o Hospital Santa Catarina. Com a informação, o tormento de Adriele começou. No oitavo mês de gestação e grávida do terceiro filho, Adriele chegou à Maternidade com 6,5 centímetros de dilatação e sentido fortes dores. Como a Maternidade não dispõe mais de ambulância, pois o contrato não foi renovado e o carro social da unidade estava na Secretaria, a equipe médica solicitou uma ambulância do Samu Natal para fazer a transferência da paciente para o Hospital Santa Catarina. Por mais de 40 minutos, Adriele esperou a ambulância e até a saída da equipe de reportagem do local ela ainda não havia sido transferida. "Apenas informaram que não estavam realizando os partos e que ela teria que ser transferida. Fomos bem recebidas, mas o atendimento deveria ter sido completo, fazendo o procedimento correto. Ela chegou sentindo fortes dores e foi colocada apenas numa sala. É uma vergonha esse descaso todo", desabafou a vizinha de Adriele, que a acompanhou, Maria Josânia. Segundo a nota pública assinada pelos servidores da Maternidade Leide Morais, o caos instalado não se dá apenas pelas escalas incompletas, pela descontinuidade do atendimento, pela falta de pagamento às cooperativas médicas, mas sim pelos constantes problemas que se agravam a cada dia. Com o apagão do dia 25 de outubro, a equipe médica tomou conhecimento de que o gerador da unidade estava quebrado. Segundo a administração do Hospital vários comunicados solicitando conserto foram encaminhados à Secretaria

"Essa situação, na verdade, denuncia a máxima da incompetência e irresponsabilidade com que a gestão atual conduz o Sistema Único de Saúde na nossa cidade, de forma a atender interesses privados de forma patrimonialista, que hoje demonstram a fragilidade de um modelo baseado em terceirização dos serviços e não valorização do funcionalismo público. O comprometimento da qualidade do atendimento nos serviços prestados pela Maternidade Leide Morais se deve a constantes descontinuidades de processos de gestão e abastecimento", diz a nota assinada pelos servidores.

Assistente administrativo diz que autoclave foi consertada após incêndio ter denunciado extintores vencidos Municipal de Saúde (SMS) sem que nenhuma providência tenha sido tomada. O não funcionamento do gerador colocou em risco a assistência de um recém-nascido em sofrimento fetal, uma usuária com pré-eclampsia e demais pacientes em trabalho de parto naquele plantão, que felizmente não terminou de forma trágica. No último dia 10, um incêndio na autoclave da Central de Material denunciou que os extintores estavam vencidos. O Corpo dos Bombeiros interditou a sala e orientou a religar os aparelhos apenas após laudo de um eletricista. De acordo com o assistente administrativo João Santos, a autoclave foi consertada e a esterilização de

matérias foi normalizada. No entanto, a lista de problemas que os profissionais que trabalham diariamente na Maternidade Leide Morais é bem mais extensa. Além do conserto do gerador, o abastecimento da farmácia com faltas constantes de insumos, desde sondas, luvas, bolsas coletoras de urina, medicamentos anestésicos, agulha de punção lombar, clamp umbilical e falta de água mineral para preparo das dietas líquidas e complemento alimentar dos recém-nascidos. Neste caso, o último abastecimento foi realizado no dia 22 de outubro e, desde então, os funcionários tem comprado água para manter o internamento dos pacientes. Além disso, os profissionais

pedem o restabelecimento do serviço de ambulância móvel 24 horas e reclamam da segurança insuficiente, uma vez que os funcionários têm sido assaltados no estacionamento da Maternidade, além do furto de veículos. O prédio, apesar de novo, sofre com a deterioração da estrutura física pela falta de manutenção que se encontra com problemas de infiltração, mofo, piso danificado, com áreas sem continuidade e com regiões de acúmulo de sujeira e líquidos, além do desabamento de gessos em várias suítes, forçando a interdição delas e gerando redução na capacidade de atendimento comprometendo, assim, a saúde dos profissionais e usuárias.

MATERNIDADE DAS QUINTAS A Maternidade das Quintas, que realiza partos de baixa e média complexidade, normalizou o atendimento. Na semana passada, a unidade deixou de funcionar por um dia, pois a empresa de gás não entregou oxigênio, impossibilitando a internação de novas pacientes. Na manhã de hoje, de acordo com a administradora da Maternidade, Alessandra Dantas, a situação já estava regularizada e apesar da irregularidade no abastecimento de insumos, a unidade mantém a média de sete partos diários. Por mês, são realizados mais de 220 partos. A Maternidade dispõe de 30 leitos, sendo que uma enfermaria, com seis leitos, está desativada desde o início do ano, por problemas estruturais. Dos 24 leitos, seis são da sala de pré-parto, que comumente são ocupadas pacientes pós-parto. Na última sexta-feira (16) havia 28 pacientes internadas, quatro a mais que a capacidade máxima. Hoje pela manhã, a situação estava mais tranqüila, pois dos 24 leitos, apenas 21 estavam ocupados.

> SUSPENSÃO

Gestão da UPA do Pajuçara segue sem definição O futuro da administração da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Pajuçara segue indefinido. A Secretaria de Saúde de Natal publicou, na edição especial do Diário Oficial do Município deste sábado (17), a suspensão do processo seletivo da organização social que iria gerir a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Pajuçara. A suspensão da sessão de abertura dos envelopes, contendo documentação das empresas participantes, a qual estava marcada para o dia 19 de novembro. O documento foi assinado pelo presidente da comissão do processo seletivo, Izac Martini Moura Linhares. A Comissão do Processo Seletivo para a escolha da Organização Social acatou uma recomendação da Assessoria Jurídica da Secretaria Municipal de Saúde. A Secretaria Municipal de Saúde não divulgou quantas organizações sociais retiraram o edital de convocação para o certame. A reportagem de O Jornal de Hoje tentou entrar em contato com a secretária municipal de Saúde,

Maria Joilca Loureiro Carvalho e com a assessoria de imprensa da SMS, mas não obteve sucesso. O procurador geral do Município, Francisco Wilkie Rebouças disse que não poderia se pronunciar detalhadamente sobre a questão, mas informou que, a suspensão da abertura dos contratos pode ter alguma relação com as negociações feitas com o Governo do Estado para que assuma a gestão da UPA do Pajuçara. Ele disse que a iniciativa desse entendimento foi da Prefeitura porque "de fato, a gente entende que os serviços de alta e média complexidade devem ser assumidos pelo Estado". Atualmente, a Associação Marca, que está sob intervenção judicial, administra e operacionaliza a UPA do Pajuçara. O contrato, porém, vencerá no dia 7 de dezembro. Caso o Município não conclua o processo de seleção para escolha da nova organização social, deverá assumir, a exemplo dos Ambulatórios Médicos Especializados (AMEs), a administração da UPA do Pajuçara. Conforme conteúdo do Edital

Wellington Rocha

Abertura dos envelopes com a documentação das empresas interessadas em gerir a UPA deveria ter sido feita hoje de Seleção nº 007/2012, o Município selecionaria uma "entidade de direito privado sem fins lucrativos, qualificada como Organi-

zação Social, para celebrar contrato de gestão de operacionalização e execução das ações e serviços de saúde" na UPA do Pa-

juçara. Para isto, porém, as organizações interessadas deveriam apresentar uma série de documentos, nos quais deveriam con-

star, dentre outras, informações sobre comprovação de experiências anteriores, médico como responsável técnico, certificado de qualificação como organização social, declaração de idoneidade e patrimônio líquido mínimo equivalente a 10% do valor estimado da contratação. O Município, ainda conforme o Edital reservaria R$ 11.849.703,00 para o pagamento dos nove mil atendimentos médicos mensais de urgência que seriam pactuados com a entidade vencedora do certame. De acordo com o edital, "a despesa com a futura contratação ocorrerá à conta do orçamento" da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). As propostas deveriam ser entregues à Comissão Permanente de Licitação da SMS, no dia 25 de outubro. Deveriam constar dois envelopes, sendo um com a documentação e outro com o programa de trabalho. O vencedor do certame seria conhecido hoje, no dia 19 de novembro, em sessão pública na sede da Secretaria Municipal de Saúde.


Economia

Segunda-feira

Natal, 19 de novembro de 2012

O Jornal de HOJE 7

José Aldenir

HOJE na Economia MARCOS AURÉLIO DE SÁ

marcossa@jornaldehoje.com.br

Pesquisa Sebrae mostra MPEs do RN com índice de confiança acima da média nacional n Pesquisa realizada em todo o país pelo Sebrae Nacional no mês de outubro último mostra que são otimistas as perspectivas de negócios dos micro e pequenos empresários brasileiros neste último trimestre do ano. n Mas o trabalho traz um detalhe da maior importância para a economia do Rio Grande do Norte: aqui, o otimismo do empresariado enquadrado no segmento das MPEs está cinco pontos acima da média dos 26 Estados e do Distrito Federal e 75 por cento das micro e pequenas empresas potiguares estimam que deverão ampliar suas receitas e seus lucros nos derradeiros meses de 2012. n Denominada "Índice de Confiança das Micro e Pequenas Empresas (ICMPE)", a pesquisa do Sebrae registrou no RN a marca de 129 pontos em outubro, a mais alta pontuação deste ano, ficando apenas um ponto abaixo da média do Nordeste, a região do país que concentra o maior clima de otimismo entre microempreendedores individuais, microempresas e negócios de pequeno porte (que faturam até R$ 3,6 milhões por ano). n O ICMPE é medido em uma escala que varia de 0 a 200. Acima de 100, ele aponta tendência de expansão das atividades econômicas, enquanto abaixo desse valor aponta para uma possível retração do mercado. n No caso potiguar, os empreendedores da construção civil são os que estão mais confiantes (133 pontos), seguidos dos comerciantes em geral (132 pontos), dos industriais (131 pontos) e dos prestadores de serviços (122 pontos). n O levantamento também mediu a expectativa de lucratividade dos negócios, quando ficou demonstrado que apenas 19 por cento dos entrevistados esperam a estabilidade dos negócios e 6 por cento adConab mudará estratégia de remoção de milho para o NE n Diante dos resultados até aqui insatisfatórios da política de transferência de parte dos estoques reguladores de milho do governo federal para os Estados nordestinos durante a atual crise vivida pela região em decorrência da seca e da falta de comida para o rebanho bovino, a direção da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) vem estudando novas estratégias para agilizar e ampliar o Programa de Vendas em Balcão, com o qual atende pequenos pecuaristas com a comercialização de milho a preço subsidiado. n Em reunião com o ministro da Agricultura, neste final de semana, dirigentes da Conab apresentaram uma lista de ações capazes de melhorar a distribuição do produto nos Estados do Nordeste, entre elas o credenciamento de caminhoneiros autônomos para fazer o transporte de milho e a abertura de novos pontos de estocagem e venda do grão na região. n Segundo número apresentados ao ministro pelo diretor de Operações e Abastecimento da Conab, Marcelo de Araújo

mitem queda na receita, em relação aos meses anteriores. nApesar do clima otimista detectado, entretanto somente 31 por cento das micro e pequenas empresas do RN revelaram intenção de contratar mais empregados no corrente trimestre. A grande maioria (68 por cento) espera manter seus atuais quadros de pessoal e apenas 1 por cento prevê a necessidade de fazer demissões. Concurso promovido pelo Sebrae-RN revelará os melhores queijos do Estado n Termina hoje o prazo para que as indústrias de laticínios do Estado se inscrevam no II Concurso de Produtos Lácteos do Rio Grande do Norte, promovido pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do RN com o objetivo de apontar os melhores queijos e derivados de leite em sete categorias. n O concurso conta com a parceria da Fiern (Federação das Indústrias), através do Senai-RN, e o julgamento dos produtos acontecerá no dia 27 próximo, às 19:00 horas, no Espaço Cultural da Casa da Indústria. n Serão assegurados prêmios aos primeiros colocados nas seguintes categorias: queijo de coalho, queijo de manteiga, ricota, queijo minas frescal, manteiga de garrafa, bebida láctea e iogurte. n Podem participar da competição todas as empresas de laticínios detentoras de selo do SIM (Serviço de Inspeção Municipal), SIE (Serviço de Inspeção Estadual) ou SIF (Serviço de Inspeção Federal). nA equipe de jurados será formada por técnicos especializados e também por consumidores, os quais deverão avaliar os perfis sensoriais de cada produto. No caso do queijo de coalho, as amostras serão avaliadas "in natura" e grelhada, para comprovar se o queijo derrete ou solta gordura. Em outros tipos, será verificada também a resistência ao corte.

Melo, a estatal já contratou a remoção de cerca de 370 mil toneladas de milho das regiões Sudeste e Centro-Oeste para os Estados nordestinos, o que possibilitou atendimento a 110 mil pecuaristas cadastrados, atingidos pela seca. n Acontece que do total apenas 127 mil toneladas já foram deslocadas até agora, faltando ainda transportar 243 mil toneladas. Sem falar que a Conab ainda está promovendo este mês o leilão de frete de mais 86,7 mil toneladas. n Se as novas medidas preconizadas para agilizar as remessas do milho não surtirem efeito imediato, é bastante provável que a seca termine sem que o alimento para o gado chegue à região onde o rebanho está morrendo de fome. Vem aí a 2ª. edição do "Qualitek Security Day" n No próximo dia 24, a Qualitek - empresa que tem à frente o especialista em segurança da informação, Rodrigo Jorge - promoverá em Natal a segunda edição do "Qualitek Security Day". n O evento terá como tema "BYOD, Big Data e Cloud Computing: Estamos seguros?", assunto a ser abordado por palestrantes de renome internacional, entre eles: Anderson Ramos, um dos pioneiros na formação de profissionais em segurança da informação no Brasil; Galeno Garbo, chefe de segurança do site Vagas.com; e Rodrigo Rubira Branco, diretor de uma multinacional da área. n O "Qualitek Security Day" é um evento gratuito, sendo

considerado um dos maiores do gênero no Nordeste. Seu público alvo são profissionais e estudantes de Tecnologia da Informação, empresários de todos os segmentos e pessoas interessadas em saber mais sobre segurança na rede mundial de computadores. n O local do evento será divulgado apenas aos participantes inscritos, que deverão, na entrada, doar 3 quilos de alimentos não perecíveis a serem encaminhados a uma instituição beneficente. Mais informações podem ser obtidas pelo site www.securityday.com.br. Parnamirim ganhará o shopping "For All Mall" n A construtora JAM Empreendimentos Ltda., comandada pelo empresário Jorian Alves de Morais, anuncia para os primeiros dias de janeiro de 2013 o início das obras do primeiro shopping center da cidade de Parnamirim: o For All Mall. n O empreendimento ficará localizado nas proximidades do Parque Aristófanes Fernandes, numa área de 3,6 mil metros quadrados, e abrigará cerca de 70 lojas de mix variado em seus dois pavimentos, contando ainda com amplos jardins e um terraço panorâmico (onde funcionará uma praça de alimentação com vista para o Aeroporto Internacional Augusto Severo). No subsolo, haverá estacionamento rotativo para quase 100 veículos. n A meta de Jorian Alves de Morais é inaugurar o For All Mall até dezembro do próximo ano e gerar 340 empregos diretos.

Pouca chuva, reservatórios secando, animais morrendo: a rotina da seca na região Nordeste passa por mais uma etapa

Produtores verificarão os estragos da estiagem IDEIA É PERCORRER 600 QUILÔMETROS DAS PRINCIPAIS REGIÕES PRODUTORAS, CHECANDO COMO ESTÁ A SITUAÇÃO MARCELO HOLLANDA HOLLANDAJORNALISTA@GMAIL.COM

Lideranças rurais do Rio Grande do Norte preparam uma nova incursão, por ônibus, pelas principais regiões produtoras do Estado, numa extensão de aproximadamente 600 quilômetros, com a finalidade de verificar in loco a situação dos agricultores potiguares diante da seca, considerada entre as mais rigorosas dos últimos 50 anos. Hoje, o presidente do Sindicado dos Produtores de Leite (Sinproleite), Marcelo Passos, confirmou que espera apenas a chegada da China do presidente da Federação de Agricultura do RN, José Álvares Vieira, para iniciar os preparativos para a excursão. Vieira participa de uma missão coordenada pela presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), senadora Kátia Abreu. "Além das lideranças rurais, queremos convidar os secretários da Agricultura e, quem sabe, o secretário de Recursos Hídricos para nos acompanhar nessa viagem de inspeção",

adiantou Marcelo Passos. "A ideia é que possamos todos ver de perto o que realmente está acontecendo e a partir daí compartilharmos os pontos de vista sobre a questão da seca", acrescentou. Pouco antes da Festa do Boi, mês passada, o presidente da Anorc, Júnior Teixeira, teve essa mesma ideia e a executou em três dias, levando consigo uma equipe de vídeo para documentar a situação de desespero dos produtores diante da estiagem. Suas impressões foram traduzidas no discurso de abertura da Festa, na presença da governadora Rosalba Ciarlini e de outras autoridades. Na ocasião, a chefe de executivo não teria apreciado muito a gesto de franqueza de Teixeira, que foi criticado por usar o evento mais tradicional da pecuária potiguar - patrocinado pelo governo do Estado - para mostrar a situação de desamparo do produtor rural. Mas com a permanência da seca e agravamento desse quadro, Júnior Teixeira viu finalmente prosperar sua estratégia de choque. Segundo Marcelo Passos, do Sinproleite, uma nova

incursão pelas regiões produtoras não é só necessária para afinar os discursos, como também fortaleceria o relacionamento com o governo que se apressou a instalar o estado de emergência em mais de 135 municípios castigados pela estiagem. Ele comentou ainda sua preocupação com os atrasos na chegada de remessas de milho do Centro do Sul, dos armazéns da Companhia Nacional de Abastecimento. "Há na Conab aqui um grande esforço da superintendência e dos servidores para que o repasse de milho aos produtores funcione, mas o que nos deixa inseguros é a morosidade com que as carretas fazem os seus desembarques", afirmou Passos. Sobre a declaração do secretário Betinho Rosado, da Agricultura, de que mesmo nos anos de seca mais rigorosa nunca o rebanho bovino do Estado registrou reduções superiores a 8%, Marcelo Passos foi taxativo: "É humanamente impossível". "Mais uma razão para empreendermos uma viagem de inspeção para separar o que muitos podem achar mito da realidade".

> EM BRASÍLIA

Democratização da água será tema em audiência Nesta quinta-feira, em Brasília, durante uma audiência pública sobre a da seca no Nordeste brasileiro, na Comissão de Meio Ambiente da Câmara Federal, o professor João Abner Guimarães Júnior, doutor em Recursos Hídricos da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, vai repetir um antigo argumento aos parlamentares: água para o abastecimento humano existe, falta é uma gestão melhor desse recurso. Não é a primeira vez que ele defende a tese da democratização dos recursos hídricos no Nordeste Setentrional, do qual fazem parte Rio Grande do Norte, Paraíba e Ceará. Com o pesquisador João Suassuna, da Fundação Joaquim Nabuco, João Abner retomará a questão da sustentabilidade na exploração desse recurso para o benefício de uma grande massa populacional que vive nas áreas em que a água ainda pode chegar. "Vamos tentar durante a audiência pública dizer que a principal saída está no investimento inteligente em infraestrutura e não na dispersão de dinheiro público que eternize um problema já tão recorrente", argumenta. Segundo o especialista, que participou dos debates da transposição do rio São Francisco, executar um projeto integrado de maior democratização dos recursos hídricos custariam ao RN não mais de R$ 2 bilhões. Segundo ele, nesse exato momento, os grandes reservatórios do Estado, apesar da seca que atinge a região, ainda contam com pouco mais da metade seus mananciais. "A parte mais pesada em matéria de infraestrutura, que são as barragens, nós já temos - a prioridade agora é viabilizar a forma como essa água pode abastecer aos pequenos projetos de irrigação", acentuou.

José Aldenir

Professor João Abner defende investimento inteligente em infraestrutura Para o professor Abner, é absurda a quantidade de carros-pipa que ainda são utilizados no RN, quando a resposta está numa solução integrada na qual cada estado envolvido no problema possa desenhar um modelo mais eficiente da convivência com a seca. E acrescenta que são necessários mecanismos certos para guardar a água em tempos de chuva e tecnologia adequada para distribuir essa água sem desperdício durante a estiagem. Para ele, a sustentabilidade das políticas contra seca no Nordeste passa por um controle maior de custos na busca de uma maior capilaridade das adutoras. "Um programa de erradicação de carros pipas deve estar entre as prioridades", acentua. Abner acha que os grandes projetos de irrigação representam um

problema na medida em que ameaçam a sustentabilidade de um programa voltado para atender uma massa de pequenos agricultores que poderiam desenvolver melhor sua atividade. "Há, no Rio Grande do Norte, 240 mil hectares de infraestrutura de irrigação, mas apenas 100 mil hectares são efetivamente utilizados", afirma. "E isso revela uma falta muito grande de compromisso com a sustentabilidade", acrescenta. As posições de João Abner sobre a transposição do rio São Francisco e a gestão dos recursos hídricos no Nordeste são conhecidas. Para ele, toda a ação que vem sendo desenvolvida na região não visa assegurar o acesso à água por parte dos sertanejos, mas garantir o abastecimento dos redutos do agronegócio.


8 O Jornal de HOJE

Natal, 19 de novembro de 2012

Cidade

Segunda-feira

Empresários e operários da construção civil entram em acordo e greve chega ao fim CATEGORIA ACATOU REAJUSTE APRESENTADO NA ÚLTIMA AUDÊNCIA NO TRT. TRABALHADORES VOLTAM AOS CANTEIROS AMANHÃ VÍTOR AZEVEDO MCVITOR@GMAIL.COM

Centenas de trabalhadores da construção civil se reuniram hoje pela manhã na sede do Tribunal Regional do Trabalho do RN para acompanhar o desfecho da audiência de conciliação e instrução do dissídio coletivo apresentado pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil do RN (Sinduscon/RN) em face do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil e Mobiliário (Sintracomp/RN). A proposta de reajuste salarial de 10% para os profissionais qualificados e de 8,38% para os profissionais da construção civil leve, apresentada na última audiência pelo vice-presidente do TRT/RN, Desembargador José Rêgo Júnior, foi acatada pelos representantes do Sintracomp. O acordo marca o fim da greve que deixou canteiros de obras vazios em todo o Estado durante 11 dias,

contando com as paralisações prévias. Com o reajuste, os profissionais qualificados passam a receber R$ 891 de salário, enquanto os serventes ganharão R$ 685. Diante da possibilidade de as empresas descontarem nas folhas de pagamento os dias parados, o Sintracomp solicitou ao sindicato patronal o abono total das faltas e o direito à bonificação referente ao período da greve. Após consultas e ponderações entre os membros do Sinduscon/RN, o presidente do sindicato, Arnaldo Gaspar Júnior, decidiu aceitar a proposta dos trabalhadores. "O acordo não foi o ideal, mas foi o possível. Apesar das posições contrárias dentro da categoria, decidimos evitar as animosidades de ambos os lados, sem esticar a corda. Acatamos o abono, pois entendemos que levar a questão para julgamento do Tribunal Pleno poderia gerar resultados imprevisíveis, além de estender o problema das obras atrasadas, descumpri-

mento de contratos e prejuízos para o sustento dos operários e suas famílias", declara Arnaldo. Para o presidente do Sintracomp/RN, Assis Pacheco, a decisão foi lúcida e realizada de forma racional, levando-se em consideração os atuais indicadores da realidade econômica brasileira. "Nem sempre se ganha do jeito que a gente quer, mas o reajuste representa um ganho real de 4,01%, com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, que mede a inflação", avalia Pacheco. O diretor financeiro do sindicato, Luciano Ribeiro, diz que o acordo é uma conquista de todos os trabalhadores da construção civil, que exemplarmente conduziram mais uma luta pela valorização profissional da classe no Estado. Os grevistas que acompanharam a audiência aprovaram a postura do Sintracomp, ainda que as cláusulas aceitas estivessem aquém dos 20% de reajuste linear propostos no começo

da greve. Para João Maria Barbosa, pedreiro há 13 anos, a atitude do sindicato foi sensata. "Não é exatamente o que a gente solicitou, mas já é bom para a categoria. Acredito que o sindicato teve um posicionamento consciente, conduzindo mais de 20 mil homens em greve da melhor forma, sem baderna e com reivindicações sérias", diz o pedreiro João Maria Barbosa. O mediador da audiência, Desembargador José Rêgo Júnior, elogiou o tom pacífico que permeou as negociações entre os sindicatos. "A intransigência de ambos os lados poderia gerar falsas expectativas e comprometer o ganho real em questão. A conduta do Sintracomp e Sinduscon foi de equilíbrio e parcimônia", declara o desembargador. Os trabalhados da construção civil devem voltar aos postos de trabalho na manhã desta terça-feira, retomando as obras paralisadas em todo o Estado.

Wellington Rocha

Centenas de operários estiveram na sede do TRT, onde foi realizada audiência

> CENSO PREVIDENCIÁRIO

Estado anuncia prazo para recadastramento de aposentados Segundo informações do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Rio Grande do Norte (Ipern), dos 27 mil servidores aposentados pela administração direta e indireta do Poder Executivo, apenas seis mil responderam à convocação do Censo Previdenciário 2012 para atualização cadastral. Além da atualização da base de dados de previdência, o censo serve para eliminar pagamentos indevidos de benefícios. O recadastramento é obrigatório e deve ser realizado anualmente no mês em que o aposentado faz aniversário. Diante do encerramento do censo de 2012, agora no mês de dezembro, e do pequeno número de aposentados com atualização cadastral efetivada, o Ipern está fazendo uma última chamada a fim de evitar o bloqueio dos benefícios previdenciários dos aposentados que não realizaram o recadastramento. A partir desta segundafeira, os servidores aposentados devem comparecer a uma das Centrais do Cidadão, munidos da Carteira de Identidade, CPF e um comprovante de residência. Os que não puderem comparecer aos locais de recadastramento podem fazê-lo através de uma procuração pública, dentro da validade de um ano. De hoje até o dia 22 de dezembro, devem comparecer aos postos de recadastramento os aposentados acima de 70 anos. Quem não comparecer neste período, já terá o pagamento suspenso a partir do mês de janeiro. Entre os dias 26 de dezembro a 31 de janeiro, o período é reservado para o recadastramento dos servidores quem têm entre 60 e 69 anos. Os que não efetivarem a atualização cadastral terão o pagamento suspenso em fevereiro. Já os aposentados que têm idade abaixo de 60 anos devem comparecer à Central do Cidadão entre o dia 01 de fevereiro a 01 de março, estando os ausentes inaptos a receber o pagamento no mês de março. "Essa é a primeira vez que estamos realizando o censo. Sempre tivemos essa ideia, mas até então não houve oportunidade. Fizemos uma parceria com o Ministério da

Previdência Social com o objetivo de termos um controle cadastral dos aposentados. Esse controle é importante para nós evitarmos fraudes no sistema, como no caso de aposentados que já morreram, mas não deram baixa no sistema", explica José Marlúcio Diógenes Paiva, presidente do Ipern. Em 2011, o mesmo censo foi aplicado para os pensionistas do Estado. Na oportunidade, cerca de 200 pessoas não compareceram ao recadastramento. "Com isso, podemos ver que essas pessoas não apareceram porque ou já morreram, ou não têm mais direito a receber a pensão. É esse mesmo controle que queremos fazer agora", afirma Marlúcio. O presidente do Ipern informa que é imprescindível a realização da atualização cadastral para que os aposentados possam receber seus benefícios. Entretanto, quem ainda não puder comparecer aos últimos prazos estabelecidos, ainda terá como reverter a situação. "Nosso objetivo não é prejudicar as pessoas, mas sim atualizar o cadastramento do sistema. Quem não comparecer dentro dessas datas terá seu pagamento cancelado. Mas no dia em que o aposentado nos procurar e atualizar o cadastramento terá seu pagamento efetivado no dia seguinte", disse. Para facilitar o acesso e agilizar o atendimento aos beneficiários, o Ipern fez uma parceria com a Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania (Sejuc) e com a Secretaria de Estado da Administração e dos Recursos Humanos (Searh). A parceria entre as secretarias viabilizou um treinamento com todos os servidores que irão atuar no atendimento ao Censo Previdenciário nas Centrais do Cidadão, sobre o funcionamento do sistema e preenchimento do novo formulário do censo. Além das Centrais do Cidadão localizadas nos municípios do interior, o atendimento ao censo também será realizado nas Centrais do Cidadão em Natal, com exceção do shopping Via Direta.

Estado da Saúde Pública (Sesap) vêm realizando desde o último dia 12 a declaração referente aos seus dados cadastrais e local de lotação, para o recadastramento no sistema de gestão de recursos humanos da Secretaria de Estado da Administração e dos Recursos Humanos (Searh). O recadastramento acontecerá até o dia 23 de novem-

bro, através do preenchimento de uma Declaração de Exercício disponível para acesso no site www.searh.rn.gov.br. Todos os servidores ativos ou que estejam cedidos a outros órgãos devem preencher a Declaração de Exercício. Caso o servidor que estiver de férias ou afastado por qualquer motivo não faça sua declaração

no prazo previsto, poderá fazê-la até dois dias depois do seu retorno ao trabalho. Após o preenchimento, o servidor deverá entregar uma cópia impressa e assinada na Coordenadoria de Recursos Humanos da Sesap. De acordo com o secretário de estado da Saúde Pública, Isaú Gerino, este é um trabalho em conjunto com a Secretaria de Adminis-

tração e dos Recursos Humanos, em que o objetivo é a atualização e o acompanhamento de todos os servidores. O recadastramento possibilitará, também, operacionalizar o sistema de aposentadoria. Dos mais de 15 mil servidores lotados na Sesap, cerca de nove mil já realizaram o procedimento de atualização cadastral.

SESAP REALIZA RECADASTRAMENTO FUNCIONAL Os servidores da Secretaria de

CMYK


Cidade

Segunda-feira

Natal, 19 de novembro de 2012

O Jornal de HOJE 9

Hemocentro realiza Semana do Doador de Sangue PROGRAMAÇÃO PROSSEGUE ATÉ ESTA SEXTA-FEIRA, QUANDO SERÁ LANÇADA A CAMPANHA 'DOE SANGUE - CARNATAL 2012' GÉSSICA RIBEIRO GESSICAJORNALISTA .UFRN@GMAIL.COM

No dia 25 de novembro é comemorado o Dia Nacional do Doador de Sangue, e para homenagear os doadores por esse gesto de solidariedade, o Hemocentro Dalton Cunha realiza, a partir de hoje, a Semana Nacional do Doador de Sangue. Durante toda esta semana será realizada uma série de atividades e palestras acerca da importância e da necessidade de doação de sangue, direcionadas para doadores e para o público em geral. A data foi instituída pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e faz parte da estratégia governamental de incentivar a população a praticar este ato de solidariedade. De acordo com a diretora do Hemonorte, Linete Rocha, a doação deve ser um hábito comum na sociedade em atitude de amor ao próximo. "A doação de sangue é um gesto simples, mas que pode salvar vidas. Quanto mais a população tomar essa atitude, melhor será o serviço prestado e maiores as condições de cura para alguns casos. Essa é uma prática que todos deveriam exercitar, o amor e a solidariedade", afirmou a diretora. A programação da Semana Nacional do Doador de Sangue teve início hoje pela manhã, na sede do Hemocentro, com uma palestra proferida pela enfermeira Márcia Capistrano sobre o tema 'Doação por Aférese'. Esse tipo de doação é um processo específico que possibilita a separação e retirada coleta apenas um componente específico do sangue. O Hemocentro de Natal trabalha com a retirada de plaquetas, a serem doadas principalmente para tratamento de leucemias, câncer e anemia aplástica. Segundo a enfermeira Márcia Capistrano, esse tipo de doação precisa ser mais divulgado, pois a procura está aumentando e o número de doadores é pequeno. "Nosso setor é pouco conhecido e as pessoas costumam vir doar apenas sangue. Em uma doação de plaquetas por aférese é possível coletar de 6 a 8 vezes mais plaquetas do que em uma doação de sangue total, por isso é preciso aumentar o número de doação por aférese. Esse tipo de doação, ao contrário da de sangue, é feita mediante cadastro prévio dos doadores. Quando necessário, ligamos para eles e agendamos a doação. Quanto mais doadores nós tivermos, melhor, pois quando a população precisar de plaquetas, teremos como atender a demanda necessária", explica Márcia Capistrano. Na terça-feira (20), a presidente da ONG Humanização e Apoio ao Transplantado de Medula óssea do RN (Hatmo) faz palestra sobre o trabalho desenvolvido pela instituição, às 10h da manhã. A equipe de Serviço Social do Hemonorte marcará presença na quinta-feira (22), apresentando o papel do serviço prestado pela instituição para a sociedade potiguar. E para encerrar a semana, na sexta-feira (23) a partir das 9h, será realizada a festa de confraternização do dia Nacional do Doador de Sangue. Na mesma data será oficializada a campanha 'Doe Sangue - Carnatal 2012', com a presença do secretário de Saúde, Isaú Gerino. A dona de casa Ângela Maria é doadora há mais de 16 anos e para ela, essa atitude já faz parte de sua vida. "É muito bom saber que estou salvando alguém através da minha doação. Há mais de 16 anos venho aqui a cada três meses doar sangue e saio daqui revigorada, com a sensação de dever cumprido. Faz parte da minha vida, realizar esse ato de amor ao próximo", disse Ângela. A campanha "Doe Sangue Carnatal 2012" tem o objetivo de manter um estoque de pelo menos mil bolsas de sangue durante o período do evento. De acordo com a diretora do Hemonorte, Linete Rocha, as doações de sangue para o Carnatal são extremamente importantes para que o centro esteja pronto para receber qualquer ocorrência e atender à população. "Durante o Carnatal a população aumenta e, com isso, aumenta também a possibilidade de

ocorrerem acidentes, graves ou não. Então precisamos estar preparados, aumentando a quantidade de estoque de sangue disponível para o caso de uma necessidade, como acontece todos os anos. Na campanha buscamos esclarecer a população sobre a importância de realizar esse gesto de amor, pois nunca se sabe se é você quem vai precisar de uma transfusão. Esperamos que a população se mobilize, como nos últimos anos, para podermos continuar atendendo a todas as demandas durante o Carnatal e quem sabe até mantendo mais reservas após o evento", disse Linete Rocha.

Heracles dantas

>> COMO DOAR Os requisitos básicos para a doação são: ter entre 18 e 67 anos (maiores de 16, que ainda não tenham completado a maioridade, podem doar desde que tenham o consentimento formal dos pais) e estar saudável. Pesar mais de 50kg, não estar em jejum e não possuir doenças que podem ser transmitidas pelo sangue. Há casos em que também não pode ser feita a doação, como no caso de cirurgias, ingestão de bebidas alcoólicas, transfusão de sangue, tatuagem e vacinação.

Em Natal, para doar sangue, basta se dirigir a um dos locais de coleta: Na sede do Hemocentro (avenida Alexandrino de Alencar, Tirol ), de segunda à sábado, das 7h às 18h. Unidade Móvel - Centro (em frente à Catedral Metropolitana ) de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h30 e das 13h30 às 17h. Posto de Coleta Zona Norte Centro Cultural de Natal (Avenida João Medeiros Filho, Potengi), de segunda à sábado, das 8h às 17h.

Doadora há 16 anos, Ângela Maria vê a doação como ato de amor ao próximo

CMYK


10 O Jornal de HOJE

Natal, 19 de novembro de 2012

Cidade

Segunda-feira

Fim de semana com sete assassinatos CRIMES

ACONTECERAM NA

REGIÃO METROPOLITANA

DE

NATAL

E ENTRE AS VÍTIMAS ESTÃO DOIS ADOLESCENTES PortalBo

Heracles Dantas

Adolescente caminhava por uma rua escura, no loteamento Nordelândia, quando foi atingido e morreu instantaneamente

Na Delegacia de Plantão da zona Sul, em Candelária, foram registradas ocorrências

Santos Nunes, de 19 anos, pode ter sido morta em um possível acerto de contas entre gangues rivais. Conforme informações da Polícia Militar, Luan foi atingido pelos disparos por volta das 23h, quando caminhava pela travessa. Dois homens teriam abordado a vítima e efetuado os tiros, depois, teriam fugido tomando rumo ignorado. A suspeita principal é que ele tenha sido morto por traficantes locais. A Polícia Civil investiga o caso. A quarta vítima desde final de semana estava sentada na calçada em frente à sua residência, na rua do Limoeiro, no bairro do Potengi, zona Norte de Natal, quando foi surpreendido por dois homens em uma motocicleta. Jorge Luís Lira Rodrigues estava conversando com familiares quando foi morto. Conforme relatos de testemunhas, os assassinos pararam a motocicleta em frente à calçada da vítima e, sem que houvesse briga ou discussão, um deles sacou a arma e efetuaram vários disparos contra Jorge Luís, que não teve tempo e chance para se defender. Atingido por seis tiros, a maioria na cabeça,

na cabeça, caído no chão. Assustadas, as pessoas ligaram para a Polícia Militar relatando o que havia acabado de acontecer e uma viatura foi enviada até o endereço do crime. O local foi isolado, por causa do grande número de curiosos que estavam querendo ver o corpo da vítima, até a chegada dos peritos do Itep/RN, que removeram o cadáver para o prédio do instituto.

ALESSANDRA BERNARDO REPÓRTER

A Região Metropolitana de Natal viveu mais um final de semana de violência e morte. Sete pessoas foram assassinadas nas últimas 36 horas, sendo uma por golpes de faca-peixeira e seis por disparos de arma de fogo. Duas vítimas continuam não identificadas e dois adolescentes foram executados com tiros na cabeça, após terem sido abordados por bandidos que os mandaram ajoelhar antes de efetuar os disparos, ontem à noite. Duas pessoas foram assassinadas durante a madrugada de hoje. A última vítima foi João Batista do Nascimento, encontrado por moradores da travessa Santa Rita, em Extremoz, agonizando. Ele apresentava várias marcas de facadas e foi socorrido ainda com vida por testemunhas, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos e faleceu antes de chegar a um posto de saúde, por volta das 2h30. As pessoas que o socorreram ligaram para o centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) e ainda tentaram descobrir quem teria atacado o homem, mas ele não conseguiu dizer o nome do assassino. O corpo dele foi removido para o prédio do Instituto Técnico-Científico de Polícia do Rio Grande do Norte (Itep/RN), para perícia. No local, ninguém soube dar informações sobre o crime. Uma hora antes, um homem não identificado foi encontrado morto com várias marcas de tiros, na Praça Ana Clésia, em São Gonçalo do Amarante. No local do crime, que fica próximo à RN-160, não havia nenhum documento de identificação da vítima, que pode ter sido morta em outra área e tido seu corpo abandonado na praça. As outras cinco mortes aconteceram entre a tarde e a noite de ontem. Em Macaíba, um homem de 19 anos foi executado com vários disparos de arma de fogo na cabeça e tórax. O crime aconteceu na Travessa Campo Santo e a vítima, identificada como Luan dos

ele caiu morto no local. Desesperados com o que haviam acabado de presenciar, testemunhas e familiares da vítima ainda tentaram socorrê-lo, mas não tiveram sucesso. A Polícia Militar foi acionada, mas não conseguiram localizar ou prender nenhum suspeito de ter provocado a morte de Jorge Luís, que tinha 32 anos de idade. O corpo dele foi removido para o prédio do Itep/RN, para perícia. VÍTIMAS SE AJOELHARAM ANTES DOS DISPAROS Um duplo homicídio contra dois adolescentes, de 16 e 17 anos, na zona Norte de Natal, chamou a atenção dos policiais militares que atenderam a ocorrência pela forma como os assassinos abordaram as vítimas, que estavam caminhando por uma rua escura no momento do crime. A Polícia ainda não sabe o que pode ter motivado os dois homicídios. Conforme relatos de testemunhas, os bandidos estavam em um veículo modelo Gol, de cor preta, e, quando passaram pela rua Antônio Costa de Oliveira, no loteamento Nordelândia, no bairro Lagoa

Azul, e avistaram as vítimas. Os homens se aproximaram dos dois adolescentes e, após os abordarem, desceram do veículo e ordenaram que os jovens se ajoelhassem no meio da rua. Armados com pistolas, os dois assassinos efetuaram vários disparos contra a cabeça das vítimas, que não resistiram e morreram no local, sem chance de defesa. Alertados pelo barulho dos disparos, os moradores próximos ligaram para o Ciosp, informando sobre o crime. Os peritos do Itep/RN foram até o local e levaram os corpos dos dois adolescentes para a sede do órgão, no bairro da Ribeira, na zona Leste de Nata. A sétima vítima deste final de semana foi um homem não identificado, que foi encontrado já morto em um imóvel na rua São Geraldo, no bairro Lagoa Azul, também na zona Norte de Natal. Conforme informações da Polícia Militar, moradores próximos ao local relataram ter ouvido o barulho de disparos de arma de fogo vindos da casa. Ao entrarem no imóvel, encontraram um homem com dois tiros

TENTATIVA DE HOMICÍDIO EM FELIPE CAMARÃO Além dos sete homicídios registrados neste final de semana, a Polícia Militar foi acionada ainda para atender uma tentativa de homicídio ocorrida ontem no bairro de Felipe Camarão, na zona Oeste da Capital. Um dos acusados pelo crime foi preso em flagrante por policiais do 9º Batalhão, no bairro do Planalto, após ter sido denunciado por familiares da vítima, o garçom Paulo César Rodrigues Alves. Conforme relato da testemunha do crime, a vítima estava deitada em uma rede quando foi ata-

cado por dois homens que estavam em uma motocicleta. Após efetuar sete tiros contra o garçom, os homens fugiram em direção ao bairro Planalto. No entanto, quando saíam do local do crime, uma viatura policial passava pela área e os militares foram alertados sobre o fato. Eles perseguiram a dupla e conseguiram prender Luís Felipe Miranda, de 18 anos. Já o comparsa dele, identificado apenas pelo apelido de "Juquinha" e que é conhecido como o "Terror de Felipe Camarão", conseguiu fugir e está sendo procurado pelos policiais do 9º BPM. Levado para a Delegacia de Plantão da zona Sul, Luís Felipe confessou o crime e disse que estava apenas se protegendo. Ele disse ainda que já havia sofrido outros ataques, promovidos pela vítima e que foi com a intenção de matá-la. Um familiar do garçom disse ainda que, logo após os disparos, os acusados saíram comemorando o fato de ter atingido sete vezes a vítima. "Eles riam, comemorando que tinham matado o Paulo", afirmou a testemunha.

> GRAVE E ESTÁVEL

Policial baleado está internado na UTI do HWG O agente de Polícia Civil Valdir Freire de Lima, baleado na última sexta-feira quando esperava um colega de trabalho no bairro das Quintas, em Natal, continua internado em estado grave no Hospital Walfredo Gurgel. Ele está sendo mantido sedado, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade, sem previsão de alta médica. As polícias Civil e Militar continuam procurando os homens que tentaram matar o servidor público. Segundo o irmão de Valdir, que não quis se identificar, o quadro do policial é grave, mas estável e ele vem reagindo bem ao tratamento que está recebendo no hospital. Após passar as 24 horas seguintes à cirurgia no Centro de Recuperação de Operados (CRO), ele foi transferido para a UTI no sábado à tarde. Até esta manhã, ele estava respirando com o auxílio de aparelhos, por isso, também estava sedado. "A medida foi tomada pelos médicos por causa do desconforto que os tubos respiratórios causam aos pacientes e, nós achamos o procedimento correto, já que meu

irmão já sofreu muito desde o ataque", afirmou o irmão de Valdir. O homem disse ainda que os médicos que estão acompanhando o caso de Valdir irão realizar uma avaliação clínica do paciente, para decidirem se retiram os tubos e a sedação e o transferem ou não para a enfermaria. Isso deve aconteceu agora à tarde e a expectativa da família é que ele fique na UTI mais alguns dias, até estar com condições físicas para a transferência. "Graças a Deus, ele está bem, apesar do quadro grave. Os médicos disseram que desde sábado ele vem reagindo bem e que, diante dos avanços, é até possível que ele possa deixar de respirar com a ajuda de aparelhos e possa ser transferido. Mas, somente com a avaliação e hoje à tarde é que eles vão confirmar ou não", explicou. Os primeiros sinais de que Valdir está melhorando já puderam ser vistos ontem á noite, quando ele acordou, pela primeira vez, após o ataque da última sexta-feira. "Ele acordou na hora em que uma enfermeira estava checando o seu prontuário. Ela disse que perguntou a ele

Wellington Rocha

Valdir Freire foi levado, na sexta-feira passada, ao Hospital Walfredo Gurgel, onde foi submetido a cirurgia e continua internado se estava tudo bem e ele balançou a cabeça, dizendo que sim. Isso aumenta as nossas esperanças de que meu irmão se recupere logo", disse

o irmão do policial. ATAQUE NA RUA O policial civil Valdir Freire de

Lima, de 49 anos, foi atacado por dois homens desconhecidos quando esperava um colega de trabalho, que o levaria para a 8ª Delegacia de

Polícia, onde ele atua. A tentativa de homicídio aconteceu na última sexta-feira à tarde, na esquina das ruas Baraúna e Painazes, no bairro das Quintas, na zona Oeste de Natal. Conforme relatos de testemunhas, os bandidos estavam em uma motocicleta e, ao avistarem Valdir, o carona desceu do veículo e efetuou vários disparos contra o policial civil, que foi atingido por um tiro no tórax, que perfurou o pulmão e quebrou uma costela da vítima, que foi socorrida para o Hospital Walfredo Gurgel, no Tirol. O policial, que é chefe de investigações na 8ª DP, passou por procedimento cirúrgico para retirada do projétil e está internado em estado grave, porém estável, na UTI da unidade hospitalar. Valdir é o terceiro policial civil atacado este ano no Rio Grande do Norte. Os outros dois foram Jovanez de Oliveira Borges e Antônio Pereira Pinto Neto, que eram lotados na Delegacia Especializada na Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas (Deprov) e morreram após trocar tiros com bandidos no município de São José do Mipibu.


Cidade

Segunda-feira

Natal, 19 de novembro de 2012

O Jornal de HOJE 11

edadC i

Alex Medeiros alex.medeiros1959@uol.com.br

INTERINO - CONRADO CARLOS - ccpsilva@hotmail.com

NNY - 8765

É a placa do gol branco com adesivo do GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE dirigido por um irresponsável que rasgou a contramão na rua Paulo Lyra, em Candelária, hoje, por volta das 08h30. Sou chato e repetitivo, mas é que a revolta sai pelos poros quando vejo esse tipo de atitude, que é diária, perigosa e desgastante.

COPA DO MUNDO DE FUTSAL

A vingança e a ficção Acredito que alguns leitores tenham visto o filme coreano "Old Boy". É um transtorno cinematográfico lançado em 2003 que virou Cult por misturar violência, suspense, romance e conspiração. Em uma breve sinopse, eu diria que é a história de um homem que fica quinze anos preso em um quarto apenas com uma televisão, por motivo desconhecido. Ao ser libertado, parte em uma investigação frenética em busca de respostas para tal absurdo. Sei que narrativas cujos personagens acordam ou ganham a liberdade de uma hora para outra e empreendem investigações contra culpados por seu sofrimento são antigas. Mas o que "Old Boy" tem de diferente é exatamente o óbvio que aparece na origem do filme: o fato de ser uma produção oriental, o que quer dizer sensivelmente brutal para nós outros ocidentais. A vingança que Oh Dae-su procura esbarra em dois problemas: ele é o principal suspeito de ter matado a própria mulher (estava embriagado, na farra, na noite em que foi sequestrado) e não consegue se adaptar facilmente à vida em sociedade. Spike Lee planeja para 2013 uma versão americana de um dos dez melhores filmes asiáticos de todos os tempos - segundo telespectadores da CNN; Tarantino se diz fã da película. A analogia dos quinze anos preso em um quarto pode ser transferida para qualquer situação que o expectador tenha vivido. Seja um recomeço de vida amorosa, biológica ou profissional. Quem passou anos em um casamento ou emprego claustrofóbico e limitante sabe o quanto

é amedrontadora a perspectiva de pisar em solo desconhecido, após tantos anos de inércia e comodismo. Cada um usa a arma que dispõe. É o rival do futebol, o ex-cônjuge que já está com outra, o vizinho que ganha muita grana. Ninguém quer 'passar embaixo' nos conflitos cotidianos. E a vingança, unha e carne com a inveja, bate nossa porta em alguma hora. Até mesmo no desdém (sempre a melhor solução). Nada mais sofrido para um provocador do que ser ignorado. Ele fará de tudo para rever a tática de agressão e atingir o nervo ciático do oponente, nem que para isso tenha que ir às últimas consequências - baixarias inclusas. E, muitas vezes, falseamos experiências para nosso deleite (ou, no mínimo, alívio). A literatura serve de exemplo. Quem se mete a escrever tem direito a se apossar de histórias alheias para falar de uma que lhe pertence - brigas, traições, diálogos de amigos podem entrar em um contexto sobre um assunto que afeta o dono do teclado. Pois, como preza o jornalismo literário, a mentira atrativa tem predominância sobre a verdade insossa. Ou alguém duvida? Gabriel Garcia Márquez ria de quem acreditava no poder de sua mente para criar aquela miríade de personagens em "Cem anos de solidão". Afirmava ter apenas juntado o que ouvia por aí - dando a aprumada de bom escrevinhador; aumenta-se aqui, omite-se ali. Dizem que em jornal não se faz literatura. Pode ser. Mas toda notícia tem um quê de ficção, desde o momento em que ela é pautada. A turma da redação que se manda para a periferia sabe bem disso.

pressão arterial que teve. E tudo mudou. O gol de Neto faltando 20s para acabar a prorrogação merece, no mínimo, um curta-metragem. Leio no AS, no MARCA e no EL MUNDO DEPORTIVO que foi injusto, que eles foram melhores. Isso nas matérias.

COPA DO MUNDO DE FUTSAL - IV

Por que nos comentários dos internautas, sobraram elogios ao Brasil e xingamentos contra jornalistas conterrâneos, acusados de sempre encontrarem espaço para não aceitar a vitória do adversário. Depois que a Fúria virou La Roja e ganhou a Copa de 2010, esse tipo de balela virou praxe na mídia espanhola. Sobretudo quando analisando a Seleção Brasileira. Eles têm verdadeira fixação em nós outros.

Não teve Fórmula 1 nem rebaixamento do Palmeiras para superar a emoção da final entre Brasil e Espanha. A manhã de domingo foi de fogos de artifício, em partes de Natal. A dureza do adversário que, mesmo freguês, sempre deixa a impressão de que ganhará a qualquer momento (em 2008, no Rio, foi a mesma coisa) e a vibração de Neto, COPA DO MUNDO DE FUTSAL - V Falcão e Cia, foi surreal. A FIFA não reconhece o trabalho da Federação Internacional de Futebol de COPA DO MUNDO DE FUTSAL - II Como no campo, os espanhóis prio- Salão que, até 1988, organizou os Munrizam a posse de bola. E isso enerva o jo- diais. Lamentável! Como também é lagador brasileiro, acostumado a controlar mentável que a CBF aceite a passada de o jogo. Eles mandaram no primeiro borracha nos dois títulos que temos (1982 tempo, ainda que poucas chances tenham e 1985), antes da dona da bola assumir sido criadas. Com dois brasileiros no os campeonatos. Como curiosidade, a elenco (Fernandão e Alemão), nos sufo- Espanha campeã de 2004 tinha sete brasileiros no time. Ou seja, somos hepta caram durante vinte minutos. (ou penta, como quer Blatter) e meio.

coletar o maior número possível de áudios e vídeos dos 250 shows que os Fab Four fizeram entre 1963 e 1966, para a produção de um documentário. Se você viveu a época de ouro dos garotos de Liverpool e quer colaborar ou apenas conhecer o projeto, mais informações no site www.thebeatlesliveproject.com

TRANSEXUAL É ELEITO PREFEITO EM CUBA

Não só na economia o regime socialista promove mudanças. O homossexualismo, que um dia justificou o envio de acusados para campos de concentração longínquos, começa, de fato, a entrar na rotina dos cubanos com a eleição do transexual Adela Hernandez, de 48 anos, para delegada (o equivalente a prefeito) do pequeno município de Caibarien, na província de Villa Clara.

TRANSEXUAL É ELEITO PREFEITO EM CUBA - II

Ela chegou a ser considerada "perigosa" e passou dois anos presa, após denúncia da própria família. Desde 2007, a ilha incluiu cirurgias para troca de sexo em seu plano nacional de saúde. No ano passado, duas pacientes que se submeteram ao procedimento se casaram e tornaram-se manchete na imprensa local. A ativista LGBT de maior COPA DO MUNDO DE FUTSAL - III destaque no país é Mariela Castro, soAté que entrou Falcão, visivelmen- DOCUMENTÁRIO DOS brinha de Fidel e filha do atual presite barrigudo, com a panturrilha bicha- BEATLES FEITO POR FÃS A beatlemania tem nova missão: dente Raúl Castro. da e a cara toda torta após o pico de

RECORDE O fotógrafo, pintor e anarquista norte-americano Man Ray bateu o recorde de um valor pago por uma fotografia. Por U$841 mil, quase R$2 milhões, um comprador, que pediu anonimato, levou a imagem "Primat de la matiere sur la pense" (a primazia da matéria sobre o pensamento) em um leilão em Paris (o triplo do valor esperado). É a reprodução da figura de Méret Oppenheim, atriz e também fotógrafa teuto-suíça, integrante do grupo surrealista encabeçado por André Breton, Luís Buñuel e Max Ernst. Man Ray (18901976) foi o fundador do dadaísmo nova-iorquino, juntamente com o pintor francês Marcel Duchamp, nos anos 1920.

João Ricardo Correia jornalistajoaoricardocorreia@gmail.com / @joaoricardo_rn

VÍTIMA O agente de Polícia Civil Valdir Freire é trabalhador, destemido. O colunista o acompanhou por várias vezes em ação, quando estava na equipe da Defur, em Natal. Valdir, baleado sexta-feira nas Quintas, continua internado no Walfredo Gurgel. Daqui, mando um abraço a ele e seus familiares, torcendo para que sua recuperação seja rápida. INFERNO Com o calor que está fazendo em Natal, com a buraqueira e o lixo que ainda tomam conta de alguns pontos da cidade, os desavisados podem pensar que estão dirigindo no inferno. COMPUTADOR O atendimento do Programa Nacional de Tecnologia Educacional (Proinfo) será ampliado a 35.440 escolas do campo, em 4.112 municípios do País. A iniciativa é do Ministério da Educação. Entre as medidas previstas, está a entrega de computadores portáteis a 50 mil estudantes de 4.890 escolas de pequeno porte, por meio do programa ‘Um Computador por Aluno’.

ASSALTO O Ministério Público Federal no RN propôs duas denúncias contra quatro pessoas envolvidas em assaltos a agências dos Correios no Estado do Rio Grande do Norte. Além de Nova Cruz e Rio do Fogo, segundo investigações, o grupo pode estar envolvido em assaltos ocorridos nas agências de Arês, Bom Jesus, Boa Saúde e Serra Caiada. ASSALTO 2 A primeira das denúncias foi ajuizada contra Gilfferson Soares Oliveira, Caio Henrique Pereira de Lima e José Kleyton Hugo da Silva. O trio foi preso em flagrante delito em 4 de outubro, logo após ter assaltado a agência de Correios de Nova Cruz (RN). Os bandidos roubaram R$ 83.194,48, em quantias em dinheiro, aparelhos celulares e outros objetos pessoais de pelo menos dez pessoas entre clientes e funcionários. ACESSIBILIDADE Uma resolução publicada hoje no Diário Oficial da União pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) obriga as transportadoras rodoviárias de passageiros em viagens interestaduais e internacionais a se adequarem até 2 de dezembro de 2014 ao transporte de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. Até esta data, segundo a Agência Brasil, cada ponto de venda das empresas deverá ter ao menos um balcão adaptado às normas de acessibilidade. ACESSIBILIDADE 2 De acordo com a resolução, todos os terminais e pontos de seção deverão informar com dispositivos sonoros, táteis e visuais as formas de atendimento preferencial e de compra do bilhete, os serviços de transporte de tecnologia assistida (cadeira de rodas, muletas, andador) e de bagagem, o acesso do cão-guia e os procedimentos de emergência.

De virar a cabeça

RISCO A turma que gosta de correr e pedalar na Via Costeira deve ficar atenta, por causa de assaltantes que têm agido na região.

José Aldenir

NACIONAL O Rio Grande do Norte também integrará o movimento que acontecerá em todo o Brasil como forma de protesto pela onde de violência contra agentes de segurança pública. Amanhã, a partir das 8 horas, militares participam da Caminhada Nacional em Defesa da Vida dos Policiais. O evento é organizado pela Associação Nacional dos Praças (Anaspra). Em Natal, a Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar está coordenando a caminhada, que terá início no calçadão do shopping Midway Mall, no bairro do Tirol.

Quem anda por Natal testemunha, todos os dias, o caos no trânsito. É mais fácil encontrar Ulysses Guimarães vivo a solucionar essa esculhambação. Haja incompetência.

SEM ÁGUA Moradores de Ceará-Mirim continuam sofrendo com a falta d´água. Há cerca de três meses, o abastecimento na cidade está comprometido, prejudicando milhares de pessoas.

Só nas tetas Para alguns ladrões do dinheiro público, aqueles que vivem mamando nas tetas do poder, roubando, ganhando milhares de reais sem trabalhar, o ano termina mal, com prisões, julgamentos, investigações... Entretanto, ainda existem quadrilheiros e mais quadrilheiros por aí, livres, metendo a mão em nosso dinheiro, impunes. Cabe à sociedade ficar vigilante, denunciando esses safados e pedindo providências à Justiça.


12 O Jornal de HOJE

Natal, 19 de novembro de 2012

Cidade

Segunda-feira

Daniela Freire POLÍTICA E SOCIAL - daniela.freirecosta@yahoo.com.br MÆrlioo Forte

w PREPARATIVOS...

MÆrlio Forte

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Motta, desembarca nas próximas horas no Estado, depois de cumprir missão em La Vegas, nos Estados Unidos. >>> No Poder Legislativo, é grande a expectativa em torno da chegada de Ricardo. >>> Motivo? É que na sessão de amanhã será oficializada aos deputados a vacância da vaga de conselheiro no Tribunal de Contas do Estado, com a aposentadoria de Valério Mesquita.

w ...PARA A ESCOLHA

E no detalhe do fotógrafo Márlio Forte, a nova tattoo de Rafael, uma homenagem a sua eleição como vereador: a data da realização do pleito, a quantidade de votos recebidos e o seu número da candidatura...

Enquanto isso...

...os deputados Poti Júnior, Fábio Dantas, Nélter Queiroz e Antônio Jácome intensificam suas postulações aos parlamentares. >>> Até porque, ainda essa semana, os líderes de partidos/blocos, além dos próprios parlamentares que desejam disputar a vaga, terão que oficializar as candidaturas que apoiam. >>> É aguardar.

Vereador eleito em Natal, Rafael Motta reservou um tempinho do seu fim de semana para curtir um de seus esportes favoritos: o voo de parapente, na Via Costeira

Desaboya.com

w CAFEZINHOS E TAL Aliás...

>>> ...os postulantes ao cargo de conselheiro do TCE estão trabalhando firme para defenderem seus nomes. >>> É fácil, fácil encontrar concorrentes à vaga nos gabinetes da Assembleia... >>> Especialmente os deputados Fábio Dantas e Poti Jr, que tem aparecido com frequência para uma visita e "um cafezinho, sem compromisso". Na audiência pública comandada pelo deputado Fernando Mineiro sobre a atual situação financeira do RN e a proposta orçamentária para o ano que vem para o Executivo, realizada na semana passada, a sindicalista da Saúde Sônia Godeiro, presidente do Sindsaúde, reclamou da falta de atenção do poder público com os funcionários da saúde, principalmente quando o assunto é salarial. >>> "Era uma peleja no governo anterior (Wilma), é uma peleja nesse governo (Rosalba)", disse ela, em relação à implantação da mudança de nível para alguns servidores. >>> E garantiu que fará de tudo para mudar esse cenário: "Onde ela (Rosaba) estiver, a gente acha", ressaltou Sônia.

Kassandra Bezerra e Fábio Macêdo comemorando a chegada da 35ª loja exclusiva Jorge Bischoff do Brasil no terceiro piso do Midway Mall

MulheresnoFDS

A noiva Nicole Marinho com Cintia Leite Bobflash

Desfile Matersol na R Natal Design

w NOVO POINT Manuela e Vitor Abreu prometem mexer com a geografia da moda em Natal. >>> A dupla deve converter, a partir do próximo dia 22, a Amintas Bairros em caminho certo das fashionistas com a abertura da Posologie. >>> A loja segue o modelo fast fashion. >>> O que se traduz em roupa mais que atualizada nos ritos das tendências internacionais, com um preço tipo "incrível". >>> A modelo Monique Rego e Mariana Santin fotografaram como imagem da nova store. >>> Vale conferir!

GIRO PELO TWITTER

w CHAMEM O LUCIANO HUCK

E dentre as frases que mais chamaram a atenção durante a audiência sobre a atual situação financeira do RN e a proposta orçamentária para 2013, a coluna reproduz duas: >>> "A gente devia chamar o Luciano Huck para fazer a reforma do hospital Santa Catarina". >>> E... >>> "Devia ser proibido ter dinheiro para propaganda enquanto o caos existir". w VIROU MODA A insegurança em Natal está tão grande que virou rotina arromba-

w POLICIAIS SOBRECARREGADOS Falando em insegurança... >>> Ao procurar a Delegacia de Candelária para prestar queixa por agressão, no último sábado, uma vítima escutou o desabafo de um policial: "A governadora fez o favor de fechar todas as delegacias dos bairros à noite. Em pleno final de semana, somos apenas cinco policiais para atender Natal inteira e até o telefone, que não para de tocar. Então, quem estiver com pressa, vamos com calma". >>> E quem não tem pressa quando se trata de segurança e da própria vida? w JÁ É UM COMEÇO O assunto "Cajueiro de Pirangi", em breve, estará de volta às pautas por causa do verão. >>> Mas, desta vez, parece que haverá novidade sobre o assunto. >>> Esta colunista passou pelo local neste fim de semana e presenciou o que parece ser o início de uma obra no sentido Pirangi-Natal... >>> Alguns "pilares" foram colocados para o cajueiro subir e não atingir a rua. >>> Porém, no sentido Natal-Pirangi, tudo continua como 'dantes'...

Bobflash

w À PROCURA DA ROSA

mentos de veículos estacionados próximo às ruas do Tribunal de Contas do Estado, no bairro Petrópolis. >>> Além dos funcionários, os prefeitos e presidentes de Câmaras Municipais do interior precisam ficar atentos. >>> Ainda na semana passada foi registrada uma ocorrência.

...da Assembleia do RN: "Assembleia promulga amanhã (20) em sessão solene PEC dos Bombeiros e dos contratos temporários"; ...de Ariano Suassuna: "O grande sonho humano do ponto de vista político é encontrar um regime político onde se fundam a justiça e a liberdade";

Ator global Thiago Martins aproveitou o fim de semana para saborear a culinária japonesa no Temaki Lounge

...do blogueiro Marcos Dantas: "Conselheiro seridoense, Tarcísio Costa, assume presidência do Tribunal de Contas do Estado";


Cidade

Segunda-feira

Natal, 19 de novembro de 2012

O Jornal de HOJE 13

Cena Urbana VICENTE SEREJO - serejo@terra.com.br w AVISO Ninguém se engane: um consórcio que detém a exploração de 70% das linhas de ônibus é o sinônimo perfeito de monopólio. Antes da concorrência e nas barbas do prefeito que ainda não assumiu o cargo. w ARTE Abre dia primeiro de dezembro, na Praça das Flores, a feira de arte e antiguidade e funcionará das 10h às 22h. Com shows de artistas locais. Tudo com o apoio do Governo, da Prefeitura, do Sesc e Sebrae. w CLOWNS Nosso mais premiado grupo de teatro, Clowns de Shakespeare, leva o belo espetáculo 'Sua Incelença, Ricardo III', durante o Festival Literário de Pipa. Essa peça já esteve em todos os festivais brasileiros. w GOSTO A revista Gosto manteve a tradição e lançou em novembro a sua edição natalina com várias receitas de Peru, além de matéria especial sobre as paridas como um verdadeiro ícone da tradicional ceia de Natal. w ONZE Geraldo Batista escreve para dizer que se a conta dos dez leitores, incluindo mamãe, não incluía o dele, é sinal que tenho onze. Ainda bem. Se o mérito não é do estilo do cronista é da paciência de Geraldo. w LEGALISMO Nem a OAB, a guardiã da livre expressão, resistiu ao fascínio perverso de controlar a liberdade de expressão e propaganda na sua sucessão. Um dia a OAB vai ser a defensora da desregulamentação da liberdade. w ALIÁS Nem os historiadores – Evaldo Cabral, Boris Fausto, Carlos Guilherme e José Murilo de Carvalho – concordam com a regulamentação da profissão de historiador que o Senado Federal acaba de aprovar.

De futurologia S

ão raros – para não dizer único – os caminhos da futurologia política no Rio Grande do Norte, Senhor Redator. Tão poucos que seria impossível justificar com alguma segurança uma alternativa de formação de um bloco de oposição capaz de levar ao Palácio Potengi um fiel intérprete de todas as vozes discordantes e com chances reais de vitória. Mesmo que os resmungos sejam muitos e tenham a mesma fonte – a decepção com os rumos de um governo que nasceu filho legítimo da classe política. A voz do deputado Getúlio Rego admitindo desgastes nas relações com o PMDB teve uma boa dosagem de sinceridade e destemor, mas veio mitigada por um raciocínio que deixou o principal aliado do governo prisioneiro do interesse pelas benesses da máquina. Foi como se dissesse que se o governo dispusesse de fartos recursos financeiros estaria atendendo aos pemedebistas e estes estariam muito satisfeitos. Pode ser verdade. Mas se basta como causa, não é suficiente como percepção do futuro. Neste momento, salvo melhor juízo e maior novidade, Garibaldi Filho é a única chance real de prestígio popular para formar, liderar e impulsionar uma grande força de oposição capaz de derrotar o Governo Rosalba Ciarlini, mantida a fragilidade de até agora. E nas mesmas urnas nas quais ajudou a nascer. Com a sua força, aliou-se ao democrata José Agripino, excluindo os antigos aliados Geraldo Melo e Iberê Ferreira, e foi às ruas apoiá-la para o Senado e o Governo nas eleições de 2008 e 2010. Desta vez, o hibridismo fisiológico do PMDB não se

repetirá com Garibaldi de um lado e Henrique do outro. Garibaldi é um prestigiado ministro do Governo Dilma Rousseff indicou Lindolfo Sales para presidente do INSS e Henrique vai ser eleito presidente da Câmara. Não há como reinventar uma luta local e apoiar a candidata do DEM, ao mesmo tempo em que o grupo pemedebista reúne as maiores condições de conquistar o governo e até levar um senador para a maioria dilmista. Uma chapa reunindo Garibaldi Filho para governo e Fátima Bezerra para Senado, agregando na sua força aliados como o PDT do prefeito Carlos Eduardo Alves e o PSB da ex-governadora Wilma de Faria, é de uma magnitude que a ninguém, de alguma experiência, é concedido desconhecer. A menos que se queira fazer do exercício da política a prevalência do desejo sobre a razão diante de um quadro de personagens que não parece oferecer outra segunda alternativa de força para demolir o governo. É claro que a futurologia pressupõe por si só acreditar numa projeção. Se vai ser ou não vai ser - se é possível ou não é - só o tempo dirá, mesmo que esta conclusão pareça mais uma vez cair no velho abismo do lugar comum. Uma coisa ninguém pode desmentir: a plausibilidade da fórmula. Não é impossível, e isto é o bastante para a arquitetura da futurologia. Ainda que alguns possam desmentir, uns farão por puro desejo; outros, por temor. Nenhum, por convicção. Todos sabem que é possível.

w FORTE A Bahia acaba de aprovar um novo porto em Ilhéus com investimentos federais de 3,5 bilhões. Aqui, com nossa luta entregue a um baiano, conseguimos só a estação de passageiros. Estamos abandonados. w ESTILO O senhor Gilberto Kassab já começa a alongar os dedos finos de suas artimanhas para deixar de apoiar os tucanos e se aproximar dos petistas. Diz que teme ficar isolado, mas só pensa em se aliar ao poder. w DISNEY O Nordeste pode ser a sede de um parque temático da Walt Disney. Tudo indica que o Ceará já está na disputa enquanto o Rio Grande do Norte compra munição pra manter a chuva de bala contra Lampião. w ABRAÇO Todos nós, seus ex-alunos devemos um abraço de gratidão e um braço na luta em defesa do Atheneu. Um dia defendi aqui a restauração de sua cátedra, como no passado, para ser de novo uma referência. w CENSURA Fonte leiga, mas da maior credibilidade junto à arquidiocese e amiga do padre Pedro Ferreira, informa que seu afastamento da Capelania das irmãs do Amor Divino foi por ter feito crítica ao governo. Será? w Ó!... Acredite: os alunos leigos – não religiosos – demonstram mais interesse do que os padres nas aulas dos cursos de teologia e filosofia do que os padres. São esses tempos cavilosos incentivadores do pecado. w RIDÍCULO Alex Medeiros tem toda razão, mas foi comedido: essa ideia de pintar o meiofio de Natal de verde e amarelo não é só falta de bom gosto. É ridícula. O Ministério Público precisa nos livrar desse vexame.

Reta final: UFRN realiza a partir do próximo domingo último vestibular tradicional PRÓXIMO PROCESSO SELETIVO DA INSTITUIÇÃO ADOTARÁ COMO FORMA DE INGRESSO AS NOTAS DO ENEM E DO SISU A partir do próximo domingo (25), 28.614 candidatos irão participar do último Vestibular da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), que em 2014 passará a adotar como únicos meios de ingresso na instituição, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e o Sistema de Seleção Unificada (Sisu). As provas serão realizadas nos dias 25, 26 e 27 de novembro, em Natal, Caicó, Currais Novos, Santa Cruz e Mossoró. Algumas mudanças marcam esta edição do vestibular. A nota do processo seletivo será usada para selecionar metade das vagas disponíveis. Para as demais vagas, a UFRN usará a nota do Enem como requisito de seleção. Os alunos aprovados no Vestibular estarão aptos a ingressar nos cursos ainda no primeiro semestre, enquanto os que entrarem pelo Enem/Sisu assumem as vagas no segundo período do ano letivo. Este ano, a UFRN disponibiliza 3.015 vagas, distribuídas nos 84 cursos de graduação presencial. O Vestibular da UFRN 2013 também se adequa à determinação do projeto de lei que prevê a reserva de 50% das vagas em universidades e escolas técnicas federais para alunos que cursaram o ensino médio integralmente em escolas públicas. De acordo com o vice presidente do Núcleo Permanente de Concursos (Comperve/UFRN), Ridalvo Medeiros, o número de inscritos caiu com relação ao ano passado, quando o Vestibular UFRN contou com mais de 30 mil inscritos. "Apesar do menor número de inscrições, estamos trabalhando com todo empenho para realizar um vestibular perfeito, condizente com a realidade dos anos anteriores", declara. Para a realização do Vestibular 2013, a Comperve contará com o apoio de 2.200 fiscais, 123 coordenadores e auxiliares, 210 pessoas que auxiliarão no apoio, além de

Wellington Rocha

Heracles Dantas

Segundo a Comperve, número de inscritos em relação a 2012 caiu de mais de 30 mil candidatos para 28.614 112 seguranças. Todo esse contingente será distribuído entre os 51 locais de aplicação das provas. Além do nervosismo típico dos vestibulandos, a proximidade do concurso traz consigo uma série de dúvidas a respeito das normas e do acesso aos locais de aplicação, o que é permitido levar, qual o melhor horário para chegar, entre tantas outras. O vice-presidente da Comperve orienta os alunos a ficarem atentos no fato de que as provas serão aplicadas às 8h do horário local. "Ao contrário do Enem, que foi realizado obedecendo ao Horário de Brasília (horário de verão), os candidatos deverão chegar aos locais de prova com base no horário de Natal, a partir das 7h20, quando os portões serão abertos", explica Rivaldo. Outra dica valiosa é não esquecer de levar o original do mesmo do-

cumento de identificação com foto (RG, CNH, Passaporte, etc.) utilizado na inscrição. Cópia de documento e carteira de estudante não serão permitidas. Aos candidatos que perderam os documentos, serão aceitos boletins de ocorrência dentro da

>>

Provas serão realizadas em 51 locais, distribuídos em Natal, Caicó, Currais Novos, Santa Cruz e Mossoró

validade de 90 dias. Será expressamente proibido aos candidatos portarem celular (ligado ou não), relógio eletrônico, calculadora, câmera fotográfica ou qualquer outro tipo de aparelho eletrônico; arma; dicionário, livro,

apostila, "dicas" ou qualquer outro material didático; lápis grafite, corretivo, borracha; boné, gorro, chapéu, óculos escuros. A Comissão Permanente de Vestibular (COMPERVE) também recomenda aos quase 10 mil can-

didatos que irão realizar as suas provas no Campus Central da UFRN, que se dirijam aos locais de provas com antecedência, para evitar os tradicionais engarrafamentos nas entradas do Campus Universitário.

RAIO X DO VESTIBULAR 2013 DA UFRN

w 28.614 candidatos irão participar do último Vestibular da UFRN w Provas serão realizadas nos dias 25, 26 e 27 de novembro, em Natal, Caicó, Currais Novos, Santa Cruz e Mossoró, às 08h (horário local) w Nota será usada para selecionar metade das vagas disponíveis e as demais vagas, serão através da nota do Enem/Sisu w Alunos aprovados no Vestibular ingressam nos cursos no primeiro semestre e os que entrarem pelo Enem/Sisu ingressam no segundo semestre w Vestibular prevê reserva de 50% das vagas em universidades e escolas técnicas federais para alunos que cursaram o ensino médio integralmente em escolas públicas. w 3.015 vagas estão sendo disponibilizadas, distribuídas nos 84 cursos de graduação presencial. w Exame contará com 2.200 fiscais, 123 coordenadores e auxiliares, 210 pessoas que auxiliarão no apoio e 112 seguranças, distribuídos entre os 51 locais de aplicação das provas.


Esporte

Natal, 19 de novembro de 2012

14 O Jornal de HOJE

Segunda-feira

SÓ RESTA O CAPÍTULO

FINAL: A “DECISÃO” O

EMPATE ENTRE

Resta apenas uma rodada para o final da Série B do Campeonato Brasileiro. E que rodada. Para fechar a competição ABC e América finaliza o ano com um Clássico-Rei que ao ser anunciado foi visto por muita gente como um possível jogo do terror, onde uma das equipes, ou até as duas, poderiam estar lutando contra o rebaixamento, o que tornaria o jogo uma verdadeira guerra. Porém, com ambos os times garantidos matematicamente na competição do próximo ano e sem correrem riscos, o clássico virou um amistoso de luxo. Se tornar um amistoso é apenas uma citação comum entre os jogadores e comissões técnicas das duas equipes, para os torcedores é a oportunidade de fechar o ano passando por cima do maior rival. O ABC não vence o América há cinco jogos e mais uma partida em casa é motivo de sobra para animar o alvinegro. No América, vencer o campeonato seria coroar um ano de triunfos em cima do maior rival.

B OA ESPORTE

E

ABC

GARANTIU OS DOIS TIMES NA

SÉRIE B

DO

CAMPEONATO BRASILEIRO Fotos: Wellington Rocha

A rodada final da Série B do Campeonato Brasileiro reúne ABC e América no Frasqueirão. Garantidos em 2013, o clássico marca a despedida de 2012 ENFIM, FICOU! Foi sofrido, garantido apenas na penúltima rodada, mas o ABC conseguiu conquistar os pontos

necessários para seguir na Série B na temporada de 2013. O empate em 0 a 0 com o Boa Esporte no último sábado somou mais um pon-

tinho na classificação geral, suficiente para as duas equipes comemorarem a permanência dentro de campo. No jogo, os times apenas se

estudaram, trocaram passes, pouco finalizaram em gol e, principalmente, se defenderam e foram cautelosos para que o placar não

fosse alterado. "A Série B hoje é uma grande competição. É um filé memso. Não é a série A, mas em todos sentidos de visibilidade e rentabilidade é uma grande competição. É disputada demais e um clube grande como o ABC não poderia ficar de fora de um campeonato como esse. Estou muito feliz com o resultado alcançado", disse Givanildo Oliveira, técnico do ABC. Questionado se os times tinham feito um jogo amistoso, sem a vontade de vencer, o treinador retrucou. "Não fomos nós quem inventamos o empate. O empate existe no futebol. E nesta competição, empate fora de casa sempre é bem-vindo." Em 13º lugar com 44 pontos conquistados, o ABC pode chegar ainda a 47 e o máximo que conseguirá na classificação é atingir o 11º lugar. Na pior das hipóteses termina em 15º. Quatro times ainda lutam contra o rebaixamento. Bragantino, Guarani, Guaratinguetá e CRB disputam as duas vagas restantes no próximo ano.

GIVANILDO FICA NO ABC EM 2013 A definição da permanência de Givanildo Oliveira no ABC para a próxima temporada dependia principalmente da permanência do time na segunda divisão. Garantido matematicamente, chegou a hora de discutir o novo contrato. O treinador chegou ao ABC com um pacote de oito jogos fechados. Em campo, conquistou a permanência e tem o apoio do torcedor e de grande parte do Conselho e direção. Hoje pela manhã, no hotel em que está hospedado,

Givanildo conversou com o presidente Rubens Guilherme e acertou sua permanência para a próxima temporada. "Tínhamos a intenção de renovar e queríamos apenas que o resultado fosse garantido para anunciar. Givanildo fez um trabalho excepcional. É Sério, competente e conhece muito da função. Tem um conjunto de qualidades que nós no ABC respeitamos muito. Acredito que agora, começando um novo projeto, ele terá condição Divulgação

O potiguar Rodriguinho recebeu marcação especial. O meia deve estar se despedindo do América Mineiro e pode assinar com o Santos

de levar o ABC a grandes conquistas", disse o presidente Rubens Guilherme. Outra discussão que começa a ganhar volume com o fim da Série B, é a sucessão presidencial alvinegra. Vários setores do clube já começaram a se movimentar e muitos conselheiros têm usado as redes sociais para pedir a permanência do atual presidente. Porém, Rubens Guilherme afirma que apesar de ter pensado em uma permanência, isso está fora dos

planos completamente. "Não tenho pretensão de mais um mandato, o que acontece é que eu tenho um conceito íntimo de não deixar o ABC com dívidas. E em razão desses erros que aconteceram não poderei fazer isso. É algo que me deixa triste. Mas é muito pesado levar isso adiante. Toma muito tempo e tenho que ver o lado da minha família. Nesse período meus negócios foram prejudicados e preciso retomar o meu trabalho", afirma Rubens Guilherme.

“ESTAMOS DE FÉRIAS” Foi o último jogo do América este ano no estádio Nazarenão, em Goianinha. Sem pretensões matemáticas de acesso e sem nenhum risco de rebaixamento, o jogo contra o América Mineiro se tornou um amistoso e com isso o pouco interesse do torcedor interferiu diretamente na presença do público. Apenas 473 pagantes estiveram no estádio para ver a despedida do América de Natal da cidade em 2012. Suficiente para o técnico Roberto Fernandes determinar "férias". "Jogar para cumprir tabela é

um 'saco'. Se a briga fosse pelo acesso até a última rodada, seria muito gostoso. Se você chega livre do risco de rebaixamento, também é muito bom. Mas eu não vejo a hora de terminar esta Série B, de ter férias e pensar em 2013. Agora sou eu que quero férias", disse o técnico Roberto Fernandes, retratando um pouco do pensamento dos jogadores e até da torcida alvirrubra. Em campo o treinador escalou um time misto e apenas um jogador parecia estar realmente em busca de seus próprios objetivos. Isac, viceartilheiro da competição, marcou

Gabriel Negreiros GABRIEL NEGREIROS - gabrielnegreiros@gmail.com - twitter: @gabrielnegreiro "FICO", EM DOSE DUPLA O ABC tentava comemorar o "dia do fico" há pelo menos duas rodadas, sem sucesso. Hoje, o time pode comemorar em dose dupla. Primeiro por matematicamente ter garantido sua permanência na segunda divisão do próximo ano. Depois por hoje de manhã ter consolidado a permanência de Givanildo Oliveira no comando do time para a próxima temporada. Se os mais pessimistas esperavam um rebaixamento e a equipe passando novamente por um período de transição na comissão técnica e até na direção do clube, podem ficar um pouco mais tranquilo. A primeira meta de ficar na Série B foi cumprida, a de manter Givanildo também. Agora restam a escolha do novo presidente e, principalmente, a reformulação quase que completa do elenco extremamente inchado e de pouca capacidade que o clube aglomera neste momento. Sem esquecer dos problemas financeiros a serem encar-

ados. Se manter na Série B é um passo importante para começar um novo trabalho. RESULTADO COMBINADO? ABC e Boa Esporte precisavam de um empate e se tivéssemos uma bolsa de apostas o 0 a 0 teria quebrado a banca. Não acredito em combinação, mas era bem visível a falta de vontade de jogar. Ninguém queria correr riscos. Era entrar em campo, tocar de lado, esperar o tempo passar e acabar com a angústia de todos. Combinação não há. Conveniência, sim. FÉRIAS Quando o apito final em Goianinha foi dado, o técnico Roberto Fernandes foi enfático em dizer que o seu time, e ele também, já estavam de férias. Não é para menos. O América fez o que deveria, e muito bem, e não correu nenhum risco em momento algum. Na reta final, com metas cumpridas, todo mundo quer receber o seu "faz me

Rubens Guilherme e Givanildo Oliveira se reuniram na manhã de hoje e acertaram a permanência do treinador para a próximo temporada

rir". Mas resta um jogo e é logo o clássico. Segundo ainda Roberto Fernandes, o assunto no vestiário era o preço das passagens aéreas. Não é para menos. Como praticamente não há potiguares no América nem no ABC, todos os jogadores querem visitar seus familiares neste final de ano. AMISTOSO EM CLÁSSICO? SÓ SE FOR PARA OS JOGADORES! O grande problema dessas "férias" é que o torcedor não está nem aí para isso. E estou me referindo aos dois clubes. O falado "amistoso" que o clássico ABC e América da última rodada se transformou só vale para comissão técnica e jogadores, afinal, eles nem são daqui e não vieram para ficar. Estão de passagem, são alugados pelos clubes e poucos têm identificação e sabem o que representa um ABC X América. É cômodo demais para os titulares e principais jogadores saírem de cena

nessa hora, afinal, cumpriram "a meta". Mas, para os torcedores, o clássico deste final de ano não tem nada de amistoso. Afinal, uma nova chance para bater o rival só acontecerá na temporada 2013, na Copa do Nordeste ou na fase final do Campeonato Potiguar. Além disso, algum torcedor do ABC quer novamente perder para o América em pleno Frasqueirão? E o torcedor do América, quer encerrar a boa campanha da Série B sendo derrotado pelo rival? Ninguém quer perder. Aproveito então para fazer um apelo aos dirigentes, torcedores e profissionais que compõem os quadros dos clubes. Não custa manter a seriedade por apenas mais uma semana. Mais que isso, o clássico pode ser uma grande festa do futebol potiguar. Momento de fechar um ano difícil e de fomentar as ações dos dois clubes para a reta final da temporada e 2013. Não custa ser positivo.

mais uma vez, chegou a 18 gols na temporada, no único gol alvirrubro no jogo. O empate dos mineiros veio no segundo tempo. Oitavo lugar com 52 pontos e restando apenas uma rodada, o América não consegue conquistar mais nenhuma posição, porém, ainda pode ser ultrapassado por duas equipes. O que ainda não está definido é se o América utilizará o time titular no jogo de sábado diante do ABC. "Se o presidente autorizar, entro de férias amanhã. A gente procura manter o nível de trabalho, mas na cabeça dos jogadores

é completamente diferente. A cabeça deles está em outro planeta. Para se ter ideia, no vestiário a discussão é sobre preço de passagem aérea", explicou Roberto Fernandes. O técnico terá uma reunião com Alex Padang para definir o futuro do time para o clássico. "Respeito o nosso torcedor e vamos conversar. Eu disputei cinco clássicos acirrados contra o ABC e todos valiam alguma coisa. Vencemos todos. Mas na moral, nessa semana, ninguém vai me tirar a paciência com isso", finalizou Roberto Fernandes.

PisandonaBola AMÂNCIO

amancionatal@gmail.com / www.chargistaamancio.blogspot.com


Esporte

Segunda-feira

CAIU!

Um enredo que já parecia ser anunciado na véspera. O Palmeiras sequer dependia de suas próprias forças para se manter na Série A do Campeonato Brasileiro. O empate amargo por 1 a 1 cedido ao Flamengo aos 44min do segundo tempo em Volta Redonda, aliado à vitória do Bahia contra a Ponte Preta e ao empate da Portuguesa diante do Grêmio, faz com que seja impossível o time se safar nas duas rodadas finais. "Não me sinto culpado por essa situação. Posso ser um dos responsáveis, é diferente. Minha diretoria lutou, trabalhou, mas infelizmente estamos pagando pelos erros que cometemos ao longo de todo o campeonato. Nosso atual treinador (Gilson Kleina) não tem parcela alguma de culpa. Muitos fatores nos atrapalharam. Estamos no caminho certo, tenho convicção disso. Não merecemos passar por isso. Somos homens e lutamos até o fim. Sei que a torcida está triste e chorando, mas essas pessoas vão sorrir em breve. E quem está sorrindo com a nossa situação vai chorar", foram as palavras do presidente Arnaldo Tirone, logo após a certeza da eliminação. Há dez anos, o Palmeiras foi rebaixado à Série B com o zagueiro Alexandre como vilão e a gestão de Mustafá Contursi extremamente criticada. Em 2012, poucos meses depois de um de seus maiores títulos, não se sabe quem cul-

DEZ

O Jornal de HOJE 15

ANOS E UM DIA DEPOIS DO EPISÓDIO MAIS TRISTE DA QUASE

CENTENÁRIA HISTÓRIA, O

PALMEIRAS É MAIS UMA VEZ REBAIXADO À SÉRIE B DO CAMPEONATO BRASILEIRO. O EMPATE COM O FLAMENGO E AS VITÓRIAS DOS ADVERSÁRIOS SELARAM O REBAIXAMENTO. Fotos: Divulgação

DE 2002 A 2012 Nos últimos dez anos os números do Palmeiras não são nada agradáveis para o torcedor. Nem o título da Copa do Brasil apaga o período de estagnação pelo qual vive o clube. Enquanto isso, os rivais ficam cada vez mais fortes. No placar de títulos, o clube mais vitorioso do século passado perde para Corinthians, Santos e São Paulo. Apenas duas

Após o empate com o Flamengo, os jogadores palmeirenses deixam o campo desolados. Restava torcer contra os outros, o que não adiantou par: o presidente Arnaldo Tirone exalta que não deixou de trabalhar. O time tem até um destaque: Barcos, que prometeu 27 gols no ano e contribuiu ativamente, inclusive nos momentos mais difíceis. Ciente de sua responsabilidade perante o grupo, o argentino aproveitou sua página pessoal no Twitter para pedir desculpas à torcida palmeirense. "Palmeirense, obrigado por todo apoio. E desculpe por não poder fazer mais

para sair dessa situação ruim. Mas o 2013 é nosso. Eu acredito", disse o atacante, que demonstrou a possibilidade de ficar no clube. Outros jogadores foram ameaçados e, a cada momento agudo de crise, a fachada do Palestra Itália apareceu pixada com mensagens negativas - na última delas, a loja oficial foi alvo de incêndio. O maior ídolo da história recente do Palmeiras se manifestou sobre o rebaixamento do time. "Sentimento de tris-

> FUTSAL

SETE VEZES

MAIOR DO MUNDO Se o assunto é futsal você pode logo imaginar que o Brasil é o favorito disparado em qualquer tipo de disputa. Não desta vez. A Copa do Mundo de Futsal deste ano tinha um grande campeão antecipado: a Espanha. Porém, eles esqueceram de combinar com Falcão, Neto e os demais jogadores brasileiros, que neste domingo, dentro de quadra, bateram os espanhóis por 3 a 2 dois gols de Neto e um de Falcão , e sagrou-se campeã invicta do torneio, para a festa da torcida presente no ginásio Huamark, em Bangcoc, na Tailândia. A conquista veio de forma dramática e só na prorrogação, com gol heroico de Neto, restando apenas 19 segundos no cronômetro. O Brasil conseguiu superar o forte ritmo dos espanhóis e se tornou pentacampeão do Mundial da Fifa - o País já havia conquistado dois títulos organizados pela extinta Federação Internacional de Futebol de Salão (Fifusa), em 1982 e 1985, mas a entidade máxima do futebol mandou a seleção retirar as estrelas da camisa. Herói do título, o ala Neto tem muito o que comemorar. Em 2004, quando era apenas um garoto, foi praticamente crucificado ao perder o pênalti que deu o título mundial aos espanhóis. Em 2008 foi cortado da seleção por lesão. Em 2012 marcou dois gols na final e a inda faturou o título de melhor jogador

Natal, 19 de novembro de 2012

Com gol restando apenas 19 segundos para o fim do jogo, Brasil vence Espanha e levanta a taça de toda a competição. Aos 35 anos, superando duas lesões e uma paralisia facial, Falcão chegou à Tailândia para disputar a Copa do Mundo de Futsal em uma situação bem diferente da que está acostumado. Protagonista das principais conquistas da seleção brasileira, o ala teve que se 'contentar' com o banco de reservas na fase final do Mundial e terminou a competição tendo jogado apenas 37 minutos - menos do que um jogo inteiro. Mas Falcão de novo foi decisivo para o Brasil. O melhor jogador de futsal de todos os tempos terminou o Mundial com apenas quatro gols e, no entanto, três deles foram essenciais para a conquista do título: os dois contra a Argentina nas quartas de final e o último neste domingo, na

final contra a Espanha. "Foi o maior privilégio, mesmo jogando pouco, achei que não estaria aqui, mas graças a Deus consegui ajudar meus companheiros a ganhar esse título, que era o mais importante", celebrou Falcão, que ainda não sabe se o duelo deste domingo contra a Espanha foi sua última partida com o uniforme da Seleção. O jogador manteve a cautela e preferiu adiar a decisão sobre o futuro. "É uma coisa para se pensar, primeiro eu tenho que cuidar de mim um pouquinho, agora é hora. O estresse foi muito grande nesses dias", ponderou. "A gente merecia vencer, depois da forma como foi a Espanha em 2000 e 2004, levando o título. Eu estou muito feliz , totalmente realizado", comentou.

teza, sem saber o que dizer. Só espero, como qualquer torcedor, que possamos aprender com mais esta lição, e que lição dolorosa! Só sei que sempre serei Palmeiras", escreveu ele na rede social, sendo apoiado e consolado na sequência por vários torcedores alviverdes. Só há uma certeza no clube depois deste domingo: em 2013, além da Copa Libertadores, o Palmeiras vai jogar a Série B do Campeonato Brasileiro.

conquistas relevantes: o Campeonato Paulista em 2008 e a Copa do Brasil nesta temporada, título que o Palmeiras nem teve tempo de comemorar. A Série B de 2003 também é uma conquista, mas que o torcedor alviverde gostaria de esquecer. Agora, porém, o time vai buscar o bicampeonato para se reerguer mais uma vez.


16 O Jornal de HOJE

Natal, 19 de novembro de 2012

Esporte

> F1

Chefe de equipe agradece Massa: “Se trabalha para a Ferrari, sabe que a equipe vem primeiro” Stefano Domenicali, chefe da Ferrari, agradeceu Felipe Massa por atender o pedido da Ferrari, que prejudicou sua posição de largada para favorecer Fernando Alonso, vivo na briga pelo título da Fórmula 1. Depois de ouvir muitas críticas, ele defendeu a decisão que tomou antes da largada. “Tendo em vista o que aconteceu, acho que fizemos certo. Quando você trabalha para a Ferrari sabe que a equipe é o centro das decisões, e os pilotos respeitam isso. Tenho de agradecer a Felipe”, disse Domenicali. A confusão aconteceu ainda antes da largada em Austin, nos Estados Unidos. Alonso conquistou apenas o oitavo lugar no treino classificatório, enquanto Massa sairia

Divulgação

Massa ao lado de Domenicali; chefe agradeceu Massa por aceitar a decisão da Ferrari da sexta posição. Como o espanhol corria o risco de ver o título ficar com Sebastian Vettel já nesta prova, a Ferrari decidiu trocar deliberadamente o câmbio do brasileiro, que

com isso caiu cinco posições no grid. Além da posição do companheiro de equipe, Alonso ganhou a chance de largar do lado limpo da pista. A nova posição ajudou e o espanhol

pulou para quarto logo nas primeiras curvas. No fim, ele chegaria na terceira posição, logo à frente do próprio Massa. "Era nossa responsabilidade. Eu prefiro ser totalmente transparente. Em uma situação assim é muito fácil simular algo, mas é melhor dizer a verdade. Este é o nosso estilo, o meu estilo", disse Domenicali. Na sequência, a Red Bull poderia ter feito o mesmo com o carro de Mark Webber para beneficiar Vettel e fazer Alonso voltar ao lado sujo, mas não o fez. Para Domenicali, trata-se de um mérito da estratégia da Ferrari. "Essa foi a razão para que esperássemos até o último momento para fazê-lo. É parte da estratégia, do jogo", completou.

Segunda-feira

Passe Livre

RUBENS LEMOS FILHO - r.lemosfilho@uol.com.br

Por faces tortas O Brasil é heptacampeão de futebol de salão. A Fifa quer tirar na marra dois títulos conquistados em 1982 e 1985, com heroísmo, por homens que jogavam por amor e sem interesse financeiro. Jackson, Douglas, Cacá, Miral, Valmir. A Fifa faz negócio, não faz futebol e ainda quer enfiar seus tentáculos no esporte mais brasileiro do mundo. Futebol de salão era aquele que se jogava com drible e graça, arte, astúcia e malabarismo. Futebol de salão é o que joga Falcão, o samba na quadra. Futsal, como batizou a Fifa com bajulação de cartolas e técnicos retranqueiros, é o que pratica Ari, o número 4 da seleção brasileira, incapaz de acertar um passe, fintar um poste ou mirar o gol. Futebol de salão é um chute com força e raiva, uma porrada, um petardo dos narradores antigos, um "pombo sem asa", vocabulário peladeiro, do jeito que Neto fez os dois gols batendo sem chances para o goleiro espanhol. Futsal é o que faz Rodrigo, o cara que bateu o tiro livre antes do gol, sem técnica, amarelo de medo, tremendo da cueca ao sovaco. Futebol de salão é o jogador em primeiro lugar. É o menino chegando na escolinha e o professor, geralmente algum craque de antigamente, dizendo, passa por ele moleque, dá uma caneta, faz uma graça, quebra a espinha dele com uma ginga, tira e bate no gol, dá no canto que o goleiro não pega. Futsal é o medíocre ex-jogador, geralmente frustrado por não ter sido reconhecido em seu tempo, ordenando o garoto: "Bate", "cerca", "marca", "acompanha", "toca de lado", "volta", "derruba ele", chuta a canela dele", "toca e passa", "marca no meio e só avança se der". Ordens de quem não pode perder o emprego porque não arruma outro. É o futsal. Futebol de salão é de Falcão a lambreta. Futsal é da Fifa a mutreta de querer expandir a prática permitindo a naturalização de brasileiros pelo mundo afora em nome de uma competitividade que não passa de mercenarismo. De mediocridades. >>> Futebol de salão, o de Falcão, jogavam todas as terças e quintas-feiras, Dennis, Sílvio, Agamenon, Gileno, Juca, Cezimar Borges primeiro entre os que não vi, Peninha, Salvador Lamas, Salvador Galego, Zé Marlúcio, Glauco, Domilson, Arturzinho, Bira Motta, Rogério Transparente , Clóvis e Aladim. Futsal é o que mostram todos os idiotas que usam argolas de cantores de rap, pulseiras de joia falsa e chiam como panelas de pressão compradas no velho vuco-vuco do Alecrim. Dane-se o futsal, morra o futsal, ressuscitem o futebol de salão. Futsal é o técnico Marcos Sorato, do Brasil. Pipoca é o apelido dele. Um medíocre, um medroso, que desejou desde a bola rolada levar o Brasil aos pênaltis e convocou um goleiro, Franklin, apenas para os tiros livres. Burro e boçal, o Pipoca, perseguidor de Falcão. Falcão, o futebol de salão. Seria cortado antes da Copa do Mundo, por birra de Pipoca e manteigas da companhia. Ficou. Machucado, passou num teste sádico. Esgotado, sofreu uma paralisia facial que desfigurou seu rosto. Jogou 37 minutos em todo o campeonato. Fez mais que todos, até do que Neto, o Bola de Ouro. Falcão decidiu contra a Argentina. Se perdesse o Brasil, não haveria Espanha. Falcão, o futebol de salão. Sem trocadilhos infames, o homem que prova: A bola escreve certo, por faces tortas.

AMÉRICA Com o título brasileiro, o futebol de salão vai voltar com força à moda e quem vai pegar a carona com justiça é o América, que retorna às quadras do Rio Grande do Norte em 2013. O presidente Alex Padang vai cumprir a promessa com o técnico Arturzinho. FESTEJO FÚNEBRE Incrível como teve gente festejando a permanência do ABC depois de uma campanha ridícula na Série B. São as hienas. Continuem assim. Desde 2008, o clube vai mal no Nacional e os cegos aplaudem. Torcedor não significa ser teleguiado. COMENDADOR Depois daquela jogada em que tocou de lado quando poderia fazer um gol desastroso para os destinos do ABC, o atacante Sinoé, do Boe Esporte, bem que merecia um título de comendador. O critério não é garantir o clube na Série B? BASÍLIO Para quem esteve tanto tempo parado, Basílio até tocou bem a bola no jogo (jogo?) de sábado contra o Boa Esporte. Melhor que todos os volantes do ABC. ESTÁDIOS À exceção do Frasqueirão e do Nazarenão, os demais estádios estão parecendo campos de guerra. Arruinados. O Dinarte Mariz, em Caicó, está um desastre que depõe contra a história do futebol seridoense e a memória do líder político que lhe dá o nome. NO TWITTER O comentarista Lupércio Luiz, da Rádio 98 FM, comentou no twitter a penúria de alguns clubes que aguardam apoio para a disputa do Campeonato Estadual de 2013, "o melhor de todos os tempos", segundo a propaganda oficial. AMISTOSO ABC x América sábado será um amistoso sem qualquer apelo. Os dois estão esgotados. O ABC

pelo estresse até conseguir a permanência na B. O América, cansado de tanto tédio. Poderiam cobrar ingresso a 1 real. Ou sortear convites de camarote para quem se habilitar ao espetáculo. ZÉ DO CARMO Zé do Carmo deve ser o técnico do América no clássico contra o ABC. Volante destemido no Santa Cruz e no Vasco, é auxiliar correto de Roberto Fernandes e uma figura exemplar no bom humor. Zé do Carmo é o doce cangaceiro, um ótimo piadista e profissional como poucos. JL

A seleção dos melhores do Estádio Juvenal Lamartine enviada pelo servidor federal Fernando Cavalcanti: Ribamar (ABC); Gaspar (ABC/América), Edson (ABC), Ivan Matos (ABC/América) e Anchieta (ABC); Cileno (ABC) e Jorginho (ABC); Zezé (Alecrim/ABC), Alberi (ABC), Evaldo Pancinha (América) e Burunga (Alecrim/ABC/América). Reservas: Erivan (ABC), Piaba (ABC), Berilo de Castro (Aledrim/América), Pedrinho (Alecrim), Véscio (América) e Petinha (ABC). MEMÓRIA Fase final do Campeonato Potiguar de 1978, dia 19 de novembro, empate emocionante entre ABC e América: 1x1. Público pagante de 17.954 pagantes no Estádio Castelão (Machadão). O centroavante Aluísio Guerreiro abriu o placar para o América aos 30 minutos do 1o tempo. O maestro Danilo Menezes empatou para o ABC aos 17 minutos do segundo tempo. TIMES ABC: Hélio Show; Vuca, Domício, Cláudio Oliveira (Dão) e Noronha; Baltasar, Danilo Menezes e Noé Macunaíma; Tinho, Jonas e William (Paulo César Cajá). América: Cícero; Ivã Silva, Joel Copacabana (Joel Santana), Argeu e Humberto; Ubirani, Davi e Gilmar; Ronaldinho, Aluísio Guerreiro e Erasmo (Marinho Apolônio).

CMYK


Cultura

Segunda-feira

Natal, 19 de novembro de 2012

O Jornal de HOJE 17

Fotos: Divulgação

O VELHO COMUNISTA UMA

OLAVO QUEIROZ E CUBA; PAULISTANO RADICADO EM NATAL, ELE 1980, TEMPO EM QUE TRABALHAVA COM EXTRAÇÃO DE RESINAS VEGETAIS

HISTÓRIA DE PAIXÃO E IDEOLOGIA UNE

VIAJA A ILHA CARIBENHA DESDE OS ANOS CONRADO CARLOS CCPSILVA@HOTMAIL.COM

A professora de Moral e Cívica já não aguentava as opiniões do garoto que insistia em defender Karl Marx e provar a inexistência de Deus. Corria o ano de 1972, oitava temporada dos militares no comando do país. Certo dia, durante uma aula em que debatiam os erros do pensador alemão, ela, antecipando possíveis problemas com o jovem rebelde, sentenciou: “Respondam como está no livro, não como Olavo botou na cabeça de vocês”. O futuro sociólogo e ativista pró-Cuba era um menino curioso e inquieto. Ainda adolescente, leu “O Capital”, a Bíblia Sagrada e toda a obra de Júlio Verne. Formava assim um cabedal de conhecimentos que o transformaria em um comunista inveterado (assim como seu pai) e partícipe de movimentos estudantis. O paulistano Olavo Pereira de Queiroz, 55 anos, é, hoje, um corretor de imóveis, que mora em Natal desde 1998, e mantém vivo o sonho de outrora. Embates ideológicos como aquele com a docente serviram de ensaio para o viria no decorrer da década. Aluno da USP, primeiro de engenharia, depois, de física, ele participou do reavivamento da UNE (União Nacional dos Estudantes) em 1977, quando a organização começou a sair da clandestinidade, após a promulgação da Lei n° 4.464, de 9 de novembro de 1964, conhecida como Lei Suplicy de Lacerda, que colocou as entidades estudantis na ilegalidade. Tempos sombrios que culminaram na invasão da PUC pela Polícia Militar - e mil e quinhentos estudantes presos. Olavo estava no meio daquele pandemônio, mas evitou a prisão ao pular um muro que separava a rua do cenário de guerra. Jovem de classe média, morador da Vila Mariana

Olavo e seu charuto no Malecón, avenida beira-mar de Havana e desportista amador, ele acompanhou de perto o processo de anistia dos opositores do regime (ou agitadores de esquerda, como queiram), em 1979, até ir de encontro a uma namorada suíça, em uma viagem que começou na terra dos relógios, chocolates e polpudas contas bancárias e terminou na então Tchecoslováquia. A Cortina de Ferro ainda se estendia rio Danúbio abaixo – foi barrado na fronteira da Áustria com a Hungria (o destino pretendido). Ele ganhava a vida dando aulas em cursinhos pré-vestibulares, sem maiores perspectivas. E seguia a efervescência política nacional, cada vez mais na iminência de sofrer grandes mudanças. Vieram as eleições para governador, em 1982, e um quarteto de anos em que Olavo virou pai e fez sua primeira viagem à Cuba, a mítica ilha caribenha que empolgou meio mundo nos 60s com sua revolução socialista. O Brasil não mantinha relações diplomáticas com Havana (restabelecidas em junho de 1986, quatro

meses depois do desembarque de Olavo no Aeroporto José Martí), o que forçava uma passagem pelo México para conseguir o visto de entrada. Ao chegar, ficou surpreso em ver uma sociedade comunista tropical em pleno funcionamento. Abastecidos por U$10 bilhões que a União Soviética enviava anualmente, além de material bélico e industrial, os cubanos sugeriam alto padrão de vida. No entanto, o fim da URSS, em 1991, promoveu o apocalipse social no regime dos Irmãos Castro. Filiado ao PCB desde 1985, mas decepcionado com a postura adotada pelos comunas paulistas nas eleições estaduais do ano seguinte, quando deixaram de apoiar Orestes Quércia e foram pedir votos para o empresário Antonio Hermínio de Moraes, ele esqueceu a política partidária e voltou sua atenção para Cuba. Enquanto isso, um amigo agrônomo intensificava a produção de resina de pinos (o cobiçado pinheiro), no Vale do Ribeira, na divisa entre São Paulo e o Paraná.

O fim do primeiro casamento, que gerou dois filhos, a baixa remuneração com as aulas de física e a paixão pela bebida o desestabilizaram emocionalmente. Foi quando o amigo fez o convite para ele prestar consultorias sobre o promissor negócio das resinas. Olavo abraçou a oportunidade e deu início ao processo de reconstrução pessoal – iniciado em 1992, ao conhecer a paraense Márcia Gorette e largar o álcool. Com o crescimento da empresa, a expansão para outros países virou prioridade para o chefe/amigo. A conhecida exuberância e qualidade da flora da região de Pinar Del Rio (centro da produção de charutos), no oeste de Cuba, caia feito uma luva no projeto. De 1994 a 1997, Olavo viajava para a ilha a cada dois meses, o que aprofundou suas convicções ideológicas, diante daquele povo que, mesmo enfrentando a maior crise econômica de sua história (chamado de Período Especial; pós-fim da URSS), oscilou entre a perseverança no sistema socialista e um dos

Cultura HOJE

maiores êxodos do século 20. A imagem de cubanos em cima de pneus transformados em jangadas, cruzando o perigoso Golfo do México, ganhou o mundo. E uma nova guerra midiática estava armada. “Ninguém imaginava que a União Soviética fosse acabar”. Aentrada dos espanhóis no ramo das resinas em Cuba enfraqueceu a empresa do amigo. Nisso, a química Márcia conseguiu emprego no colégio Marista de Natal (sua família é do interior do Rio Grande do Norte) e o casal arrumou as malas para cruzar o país e vir morar no Nordeste. Marxista convicto, logo ele concluiria o curso de sociologia da UFRN e continuaria a viajar a Cuba pelo menos três vezes por ano, agora como simples turista. “O maior erro foi depender dos soviéticos cegamente”. Sem transferência de tecnologia e conhecimentos, a indústria nacional cubana é quase inexistente. De tanto contato, surgiu o convite para tocar a Casa de Amizade Brasil-Cuba, instituição que, como

o nome sugere, tem por objetivo estimular o intercâmbio e o estreitamento da relação entre as duas nações. O vereador Fernando Lucena (PT) constava como presidente da secção Natal. “Ele nem sabia disso”. Um breve levantamento demonstrou a inexistência de atividades locais. O apoio inicial veio do ex-deputado Leônidas Ferreira (morto em 2009), pai da ex-secretária de planejamento do município, Virgínia Ferreira (uma das cabeças da segunda gestão de Carlos Eduardo Alves, a partir de janeiro próximo). Mas comunistas antigos, como o ex-reitor da UERN, Antônio Capistrano, o presidente da Associação dos Anistiados do RN, Meri Medeiros e o ex-vereador Juliano Siqueira, de alguma forma, estiveram por perto – Natal é uma cidade irmã de Havana, de acordo com a Lei Ordinária nº 05013/98. Olavo sabe o quanto é custoso remar contra a maré capitalista, mas continua acreditando na necessidade acima da produtividade, em relação a empregos, remuneração e bem-estar social. Para ele, mais que rum e charutos (vício assumido), a experiência cubana fornece subsídios para uma luta inglória, porém inesgotável. No momento em que países europeus quebram a cada semestre, assustando quem viu o mesmo filme décadas atrás, quando da ascensão do nazismo alemão,do fascismo italiano e do comunismo soviético, governos reveem metas e ações, em certa guinada à esquerda, como gostam de dizer os analistas políticos. Passados vinte e seis anos de sua primeira incursão em solo cubano, Olavo tem como principal bandeira, atualmente, chamar a atenção para os cinco cubanos detidos em meados dos anos 1990, em território norteamericano, sob acusação de espionagem e conspiração. “Perdemos a batalha, mas não a guerra”.

com Dani Pacheco

DANIELA PACHECO - danipacheco@hotmail.com - INTERINO - CONRADO CARLOS - ccpsilva@hotmail.com UM PRESENTE DE NATAL A 16ª edição do espetáculo Um Presente de Natal está confirmada para o próximo mês de dezembro, com oito apresentações nas quatro zonas de Natal. As primeiras apresentações acontecerão na Área de Lazer do conjunto Pajuçara, na Zona Norte, nos dias 1 e 2 de dezembro, a partir das 20h. Mais informações: G7 Comunicação - (84) 2010.2816.

MÚSICA CLÁSSICA Seguem as oficinas gratuitas de música clássica promovidas pela UFRN. As inscrições podem ser feitas até o dia 29/11, na sala da Coordenação de Eventos da Escola de Música ou no Instituto de Música Waldemar de Almeida. Os alunos podem se inscrever em quantas oficinas desejar. A programação completa prevê o seguinte calendário: Dias 21 e 22/11 - A música dos séculos 20 e 21, por Marcus Varela, doutorando em Composição pela Unirio/UFRN; Dias 23 e 24/11 - Ópera: estética, abordagem de papéis e comportamento vocal, ministrada por Albert Halfon, formação de Regência pela UFRN; Dias 26 e 27/11 - Música dos Séculos 19 e 20 - Francesa e Alemã, com Danilo Guanais, professor doutor em Composição pela Unirio/UFRN; Dias 28 e 29/11 - Interpretação da Obra de Mozart: uma abordagem sobre a sonoridade, estética do compositor e sua época, com André Luiz Muniz, professor doutor em Música pela Universidade de Montreal/Canadá. Mais informações: 3232-5357.

CINEMA E CULINÁRIA O Cine Natal Clube e Nalva Melo Café Salão promovem, desde sexta-feira passada (16), a mostra “Comer com os olhos”. São filmes que abordam a culinária, com produções cinematográficas da Turquia, Japão, Taiwan, EUA , Grécia e Brasil. Sempre a partir das 18h30, no próprio salão de Nalva (Av. Duque de Caxias, 110, Ribeira), até o dia 21 (quarta), ao preço de R$2,00. Informações: 9171 3548 / 96060 8177 NOITE DOS SOLTEIROS Hoje, no Taverna Pub, o mineiro Gleison Túlio mostrará com quantos instrumentos se faz um ecletismo musical. Dizem que o sujeito toca tudo (e bem). A banda Salada Sonora também animará a noite que tem torpedos e paquera para todos os lados. Entre no site da casa, www.tavernapub.com.br, e saiba mais detalhes.

GUIMARÃES ROSA Há quarenta e cinco anos, morria João Guimarães Rosa. Mineiro, médico e diplomata, ele é dos escritores brasileiros que mais invadiram nossas vidas. É raro encontrarmos alguém que nunca tenha ouvido falar em “Grande Sertão: Veredas”. À época, ele inovou a linguagem literária ao mesclar a fala do povão com toques eruditos, um prenúncio do realismo mágico que jogou a literatura latino-americana em evidência. Fica a homenagem ao contista e romancista que morreu três dias após tomar posse da cadeira 2 da Academia Brasileira de Letras.


18 O Jornal de HOJE

Cultura

Natal, 19 de novembro de 2012

Canal 1

BATE-REBATE w Além de investir no lançamento de canais e no esforço de expandir parcerias locais, a Globo também tem feito melhorias em seu escritório, em Lisboa. w O correspondente André Luiz Azevedo está fazendo entradas ao vivo direto de Portugal. A base se tornou uma nova opção de links na Europa para o jornalismo da emissora. w Estão cada vez mais próximas as relações entre os canais Globosat e a Fox Sports. w A propósito da Fox, já se anuncia para esta próxima quinta-feira a transmissão exclusiva de Universidad Católica e São Paulo, pela Sul-Americana. w Na noite de quarta, como se sabe, tem Argentina e Brasil, na Globo.

POR FLÁVIO RICCO - Colaboração: José Carlos Nery / flavioricco@gmail.com.br / http://twitter.com/flavioricco

>> TV - TUDO w FORMATO DIFERENTE A produção do "Agora é tarde", do Danilo Gentili, na Bandeirantes já está trabalhando nos preparativos de uma retrospectiva especial, que será apresentada no dia 18 de dezembro, às 22h20. Excepcionalmente, o programa terá um formato de game, com brincadeiras e humor. w ERA UMA VEZ... Anos atrás, num encontro com publicitários das grandes agências, depois de ouvir reclamações sobre sucessivas mudanças na programação, Silvio Santos disse que a televisão era dele e ele fazia o que bem entendia. E isso, pelo jeito, continua sendo assim. w FUROU A FILA O SBT tem, na entrada principal, uma galeria com fotos e objetos dos seus principais artistas. Até o velho carro do Silvio Santos, o Lincoln branco de capota verde, foi colocado lá para apreciação dos curiosos. Só os artistas mais carimbados têm direito a ter a sua foto, no ta-

manho de cada um. Primeiro foi o dono, claro, depois o Carlos Alberto de Nóbrega e, mais recentemente, Eliana e Celso Portiolli. Agora botaram a Patrícia Abravanel. E os outros, que já estavam lá antes dela? Ratinho, Christina Rocha, Nascimento e cia. bela? w ÍDOLOS - 1 A Record marcou a final do "Ídolos Kids" para o dia 12 de dezembro. O programa irá ao ar gravado. Apesar de não existir ainda uma posição oficial da emissora e da produtora Fremantle, uma segunda temporada já é dada como certa, até em função dos bons índices de audiência. w ÍDOLOS - 2 Por sua vez, a final do "Ídolos", "pai", com apresentação do Marcos Mion, será apresentada no dia 13 do mesmo mês, ao vivo, direto do complexo Quanta, na Vila Leopoldina, em São Paulo. Desde já, mas com algumas dificuldades, a Record está na busca de um convidado "top" para o show de encerramento.

Estevam Avellar - Globo

Especial do Roberto Carlos tem manual de instruções A Globo marcou para esta quarta-feira, dia 21, às sete da noite, no Citibank Hall, a gravação do tradicional especial de Roberto Carlos, que será levado ao ar no dia 25 de dezembro. A direçãogeral é de Jayme Monjardim. O programa, sob o título de "Reflexões", será uma homenagem ao Rio de Janeiro. Além do show gravado nessa conhecida casa de espetáculos, com uma plateia cheia de famosos, ainda serão captadas cenas externas do cantor em diferentes pontos da cidade. Mas existem alguns cuidados que o público presente, em particular os convidados especiais, terá que obedecer. É o que se poderia considerar algo muito próximo a um "manual de instruções", inclusive com orientações sobre os trajes mais apropriados. Figurinos em vermelho, marrom e roxo, por exemplo, devem ser evitados. Usar, na medida do possível, tons claros, preferencialmente nas cores azul e branco. Entre as várias participações confirmadas, Leandra Leal, Taís Araújo e Isabelle Drummond, como as Empreguetes de "Cheias de Charme", além de Michel Teló, Seu Jorge e Arlindo Cruz.

C´EST FINI

DETETIVE Em "O Canto da Sereia", Marcos Palmeira é Augustão, um segurança particular, que se dedica a descobrir quem matou Sereia, Isis Valverde. Para isso, ele conta com a ajuda de seu braço direito, Vavá de Zefa, Fábio Lago. w CHAMARAM A POLÍCIA O "Mulheres Ricas", da Band, gravou uma festa na cobertura do exatacante Luisão, marido da participante Mariana Mesquita. Boleiros, devidamente acompanhados das suas respectivas, ou também aquelas que não eram bem respectivas, também estiveram presentes. Varou a madrugada. A animação foi tanta, que a partir de uma determinada hora, os vizinhos buscaram o auxílio da polícia. Uma viatura parou na porta e lá ficou até o fim. w OLHA ESSA Marília Gabriela gravou com Arnaldo Saccomani e Carlos Miranda para o seu programa desta quarta-feira no SBT. O momento mais divertido da entrevista aconteceu quando o Miranda começou a recordar dos seus tempos como crítico... de filme pornô. A Gabi quase capotou. w MISSÃO COMPLICADA Na Espn Brasil, o novo diretor-geral,

HORÓSCOPO Áries 21/03 a 20/04 Mais fácil aceitar novas ideias e trabalhar em equipe, numa posição de colaboração e amizade. A liderança é de quem tiver as ideias mais avançadas e originais - parece que você será o portavoz delas. Amor em alta!

Leão 22/07 a 22/08 Você está contando com muita empatia e capacidade de entender a vontade dos outros. Para trabalhar com clientes e fazer as pazes com sócios e parceiros, é ideal. Um amigo abrirá novas frentes de oportunidade para você.

Sagitário 21/11 a 21/12 Mais parcerias? Mais projetos? Mais sonhos também. Tudo que virá pelas mãos dos outros pode trazer mais abertura, prosperidade e valor para você hoje.. Assegure-se de anotar as promessas feitas. E não exagere.

Touro 21/04 a 20/05 Para explicar o inexplicável, aquilo que você sente, siga o caminho da fé na sua cosmovisão. Assim poderá entusiasmar muitas pessoas no trabalho. E garantirá posição de destaque. Contemporaneidade e refinamento.

Virgem 23/08 a 22/09 Pessoas infladas, encantadas consigo mesmas, serão a pedra no seu sapato - trate de fugir delas no trabalho e na vida pessoal. Você supera por seu rigor e base de conhecimento. Assim ganhará o premio da excelência.

Capricórnio 22/12 a 21/01 Desacertos entre emoções e pensamento podem transtornar o clima doméstico hoje. Descompasso maior se instala no campo amoroso. Evite mudança nos hábitos, ou nas medicações. Amor sem imaginação.

Gêmeos 21/05 a 20/06 Lua e Júpiter em ângulo harmonioso favorecem um início de semana inspirador. Você pode sentir um contentamento maior. O perigo é se perder em mil direções, então anote os planos e ideias para trabalhar nelas depois.

Libra 23/09 a 22/10 Encanto pessoal conta muito, assim como sua capacidade de equilibrar as relações que estão sem harmonia. Lua e Júpiter servem de blindagem contra a monotonia, o desamor, as promessas vazias. Foque no seu futuro.

Aquário 21/01 a 19/02 Um ótimo aspecto se forma entre a Lua, que segue em seu signo, e Júpiter, que transita em gêmeos. Emoções conectadas com o sentido da amizade, do companheirismo e do amor. Abundancia de conexões, estudos impor tantes.

Câncer 21/06 a 21/07 Verifique seus rendimentos, mas seja discreta sobre suas fontes de renda. Nada de fazer comentários com amigos, colegas ou outros. O segredo hoje é usar a intuição a favor da sua saúde financeira, não disperse essa força.

Escorpião 23/10 a 21/11 Semana começa sob o signo da força controlada, dos recursos geridos com rigor, sem perda ou desperdício. Tanto vale para as relações com chefes e superiores, como para as de amizade. Você está vendo com quem pode contar.

Peixes 20/02 a 20/03 Voe está sendo sustentado pela disciplina interior se houver uma aspiração futura poderosa. Por este sonho você será capaz de um rigor maior. Mas você precisará descansar a mente, aliviar a alma de remorsos imaginários.

17h10 / 19h50 / 22h20 (leg) Cinemark 2 - Hora: 12h40/ 15h20 / 18h00 / 15h00 / 20h40 / 23h15 (sex) (leg) Cinemark 6 - Hora: 11h00 (sex, sáb e dom)/ 13h40/ 16h20 / 19h00 / 21h40/ 00h15 ( sex e sab) (dub) Moviecom 4 - Hora: 00h00/ 13h50/16h20/ 18h50/ 21h20 (dub) Moviecom 6 - Hora: 16h00/ 18h30/ 21h00 (leg) Moviecom 7 - Hora: 00h00/ 14h20/ 16h50/ 19h20 / 21h50 (leg)

ARGO (14 Anos) Cinemark - Hora: 12h10 (leg) Moviecom 2 - Hora: 21h50

CINEMA GONZAGA DE PAI PARA FILHO (12 Anos) Cinemark 4 - Hora: 14h50/ 17h50/ 20h50 (exc ter e qui) /23h40 (sex) Cinemark 7 - Hora:13h00/16h00/ 18h50/21h50 Moviecom 1 - Hora: 15h30 / 18h20 / 21h10 007: OPERAÇÃO SKYFALL (16 Anos) Cinemark 3 - Hora: 19h10 / 22h10 (leg) Cinemark 3 - Hora: 13h10 / 16h10 (dub) Moviecom 2 - 19h (dub) Moviecom 3 - 16h15/ 21h25 (leg) A SAGA CREPÚSCULO : AMANHECER - PARTE 2 (12 anos) Cinemark 1 - Hora: 11h50 / 14h30/

ATÉ QUE A SORTE NOS SEPARE (12 Anos) Moviecom 3 - Hora: 19h10 DIÁRIO DE UM BANANA Livre Cinemark 5 - Hora: 11h00 (sex)/12h55/ 15h00/19h40 (dub)

Segunda-feira

MAGIC MIKE (16 anos) Moviecom 2 - Hora: 16h45 O MAR NÃO ESTÁ PARA PEIXE! TUBARÕES À VISTA (Livre) Moviecom 6 - Hora: 14h00 (3D) POSSESSÃO (14 anos) Moviecom 5 - Hora: 15h40/ 18h00/ 20h15 (leg)

João Palomino, como um desafio, está tentando desmontar as diversas "igrejinhas" espalhadas nos mais diferentes setores da emissora. "Igreja" com "fantasma" dentro. Uma benzedeira pode ajudar. w É ISSO MESMO O "Tudo é Possível", da Ana Hickman, não vira o ano na Record. Para, definitivamente, em dezembro. Evidente que a emissora ainda não fala nada oficialmente, mas já existe uma decisão sobre o seu encerramento. O volume de horas de trabalho da apresentadora Ana Hickmann e os baixos índices registrados levaram a isso. w ESCUDO Essa terrível onda de violência em São Paulo fez todas as emissoras de televisão, de modo geral, ligarem o sinal de alerta. Medidas de segurança estão sendo tomadas para preservar a integridade dos seus profissionais, principalmente o pessoal de rua.

w Babi Rossi também está levantando o seu por fora. Dia desses, foi a grande atração na inauguração de uma loja de lingeries, no Jardim Pirajussara. w Bem do lado do açougue. w Ailton Graça também foi confirmado na próxima novela das seis, de Walther Negrão, "Flor do Caribe", substituta de "Lado a Lado". w Este ator,como se sabe, vem de um grande trabalho em "Avenida Brasil", como Silas. w De acordo com funcionários da Record, novas demissões aconteceram na semana passada, em sua sede na Barra Funda. w E que essa primeira etapa de cortes deve prosseguir até o dia 20 de dezembro.

Pode parecer coisa do outro mundo, mas a frase abaixo foi usada numa produção da Record, para dispensar funcionário: "Você não serve pra trabalhar aqui. Não tem brilho nos olhos. Parece um zumbi!". E assim vamos indo. Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!


Cidade

Segunda-feira

Natal, 19 de novembro de 2012

O Jornal de HOJE 19

Apae-RN estimula a inclusão social dos seus 560 usuários ATENDIMENTOS

ESPECIALIZADOS DÃO SUPORTE A ESTUDANTES E FAMILIARES Wellington Rocha

CAROLINA SOUZA ACW.SOUZA@GMAIL.COM

Raízes históricas e culturais que envolvem a deficiência sempre foram marcadas por rejeição, discriminação e preconceito. E, diante da ineficiência do Estado em promover políticas públicas sociais que garantam a inclusão dessas pessoas, surgem famílias empenhadas em quebrar paradigmas e buscar soluções alternativas para que seus filhos com deficiência intelectual ou múltipla alcancem condições de serem incluídos na sociedade, com garantia de direitos como qualquer outro cidadão. Nesse contexto, nasceram as primeiras associações de familiares e amigos que se mostraram capazes de lançar um olhar mais propositivo sobre as pessoas com este tipo de deficiência. Convivendo com um Estado despercebido das necessidades de seus integrantes, tinham a missão de educar, prestar atendimento médico, suprir suas necessidades básicas de sobrevivência e lutar por seus direitos, na perspectiva da inclusão social. Essa mobilização teve que contar com o apoio de vários profissionais que, acreditando na luta dessas famílias, empreenderam estudos e pesquisas para ajudar de alguma maneira as pessoas que viviam em situações de "incapacidade". Foi então que, em Natal, o médico Severino Lopes e outros sócios fundaram a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), modelo espelho do que já existia no Rio de Janeiro. Legalizada oficialmente em 31 de outubro de 1959, recentemente a unidade completou 53 anos, atendendo cerca de 560 usuários com alguma deficiência. À época de sua fundação, a Apae era dividida em dois setores, sendo um destinada para a área pedagógica e a outra à clínica. Hoje, os assistidos pela Associação usufruem de programas de leitura, matemática para a vida, comunicação e expressão, laboratório de informática, serigrafia, grupos de danças, coral, entre outras atividades. "Dos 560 usuários, 250 foram encaminhados pela Secretaria Municipal de Assistência Social, que também tem o dever de nos repassar aproximadamente R$ 12 mil por mês, verba advinda do Ministério de Desenvolvimento de Assistência Social. Mas esse valor é muito pouco para manter a nossa estrutura. Nós sobrevivemos, principalmente, devido às doações de pessoas físicas", aponta Suely de Andrade Freire, diretora da instituição. Segundo Suely, a Apae em Natal chegou a funcionar como uma Escola de Ensino Especial, colocação que oportunizara verbas do Ministério da Educação (MEC). Entretanto, com o fim das Escolas Especiais em todo o Brasil, as verbas do MEC foram cortadas. "Partindo de uma política de inclusão social, o governo federal quer que os deficientes estejam no mercado de trabalho e na sociedade de igual para igual. Por isso, eles acabaram com as escolas. Agora, a Apae funciona como um Centro de Atendimento Especializado", disse Suely. "Isso prejudicou um pouco a situação dos deficientes, principalmente porque as escolas municipais e estaduais não têm uma estrutura física e profissional para acolher a todos eles", explicou. Os atendimentos especializados da Associação funcionam como uma medida de suporte aos deficientes que estão matriculados na rede regular de ensino. "Para fazer parte da Apae, o ideal é que o usuário esteja matriculado em alguma escola. Mas não fechamos a nossa porta para as pessoas que não frequentam uma rede de ensino, pois muitas vezes as mães não têm condições de levá-los às aulas, e as escolas não proporcionam a atenção básica que eles merecem. Essa pessoas não podem pagar por isso", disse a diretora da instituição. A Apae atende pessoas de 0 a 15 anos que sejam economicamente carentes. São oferecidos serviços clínicos oftalmologia, psicologia, médico clínico geral, assistente social, nutricionista, fisiotera-

Integração estimula jovens atendidos pela Apae, levando-os a par ticipar intensamente de atividades esportivas peuta, fonoaudióloga e dentista. Mesmo com a faixa etária específica de atendimento, a Casa possuiu usuários mais velhos. É o caso das pessoas que não conseguem desenvolver o tratamento ideal e ainda precisam da ajuda dos profissionais da instituição.

“Instituição tem trabalhado muito a inclusão familiar, escolar e profissional” SUELY ANDRADE FREIRE DIRETORA DA APAE-RN

No próximo dia 11 de dezembro, será comemorado o Dia Nacional das Apaes, estabelecido em lei federal. O movimento surgiu há 55 anos na cidade do Rio de Janeiro - cinco décadas e meia de construção efetiva de um trabalho de inclusão social. Juntas, as Apaes distribuídas em várias cidades do país consolidaram-se como o maior movimento de defesa dos direitos da pessoa com deficiência no Brasil e no mundo.

“Sempre que posso, eu costumo ajudar nos serviços de casa” VANCIER DE ARAÚJO USUÁRIO DA ASSOCIAÇÃO

O grupo é formado por voluntários, profissionais, pais, amigos, pessoas com deficiência que, juntos, trabalham por uma perspectiva de dias cada vez mais dignos e melhores para pessoas com deficiência. O movimento contribuiu para os avanços das políticas públicas e da Legislação Brasileira, além de avanços efetivos para fazer com que as pessoas com deficiência saíssem de suas casas. "Nosso objetivo é contribuir

para os deficientes conhecerem o mundo escolar, mundo do trabalho, do esporte. Mundo da vida social. Eles precisam de incentivo e acompanhamento. A intenção é fazer com que os nossos alunos se virem sozinhos. Para isso, temos uma equipe preparada para ensinar, e não só cuidar", disse Suely. Os frutos do trabalho podem ser vistos em Vancier de Araújo, 31 anos, que frequenta a Associação desde a infância. Hoje, ele consegue se trocar, toma banho sozinho e até ajuda nas tarefas de casa. "Sempre que posso, eu costumo ajudar nos serviços de casa. Atualmente, meu pai não está muito bem de saúde e eu faço de tudo um pouco para ajudar minha mãe", disse o sorridente Vancier. A instituição tem trabalhado muito a inclusão familiar, escolar e profissional. "Temos conseguido, logicamente num processo lento, encaminhar os alunos para a família, à escola regular e ao mercado de trabalho, que se mostra sempre muito exigente. Neste ano encaminhamos 18 deficientes para o mercado", disse a diretora da Apae em Natal. De acordo com Suely, a Apae acredita que o aprimoramento da qualidade do ensino regular e a adoção de princípios educacionais válidos para todos os alunos, resultarão naturalmente na inclusão escolar dos deficientes. Em consequência, a educação especial poderá adquirir uma nova significação, tornando-se uma modalidade de ensino destinada não apenas a um grupo exclusivo de alunos, mas especializada e dedicada à pesquisa e ao desenvolvimento de novas maneiras de se ensinar. A aprendizagem com esse tipo de aluno é em longo prazo, em todos os sentidos. Os que mostram maior dificuldade de alfabetização e não conseguem ir adiante no aprendizado, são mais aproveitados em momentos de oficina. Ao iniciar o trabalho com portadores de necessidades especiais, a primeira preocupação é a forma de adequar os trabalhos às limitações dos alunos. No processo de aprendizagem o aluno desenvolve habilidades através de um treinamento caden-

ciado, de acordo com o desenvolvimento motor. O método de ensino é caracterizado basicamente por repetições de exercícios. Aos poucos, vai sendo iniciada uma fase de valorização das capacidades de cada indivíduo, e mais importante que a execução correta de um exercício é a disposição para fazê-lo.

Movimento dos Navios APRONIANO CÉSAR

apronianocfs@hotmail.com

Transpetro faz acordo com Estaleiro Atlântico Sul (PE) sabendo que o primeiro navio até hoje apresenta defeitos. NATAL Navio CMA-CGM Aristote Sea Otter Lagoa Carioca Lagoa Paranaense Gemini ST Thais Marfret Marajó CMA-CGM Herodote Silver Cloud Azamara Quest

Bandeira U. Kingdom Chipre Brasil Brasil Brasil Bélgica França United King Bahamas Bahamas

Almi Star

Libéria

Agência CMA-CGM Seamaster W. Sons W. Sons W. Sons Petrobras W. Sons CMA-CGM Superservice Superservice

Chegada No Porto No Porto No Porto No Porto No Porto 20/11 24/11 01/12 08/12 12/12

Destino Carga Descarga Algeciras/ESP Contêineres -Guamaré (RN) Reabastecimento --Em Operação --Em Operação --Em operação -São Sebastião(SP) -Combustível Algecira/ESP Contêineres -Algeciras/ESP Contêineres -Recife(PE) -Turismo Recife(PE) -Turismo

TERMINAL OCEÂNICO DE UBARANA - GUAMARÉ - RN Petrobras

No Porto

Salvador (BA)

Óleo Cru

--

TERMINAL SALINEIRO DE AREIA BRANCA - RN TBN TBN

Dia 19 20

Panamá Itália

A. Marítima 25/11 A. Marítima 28/11

TÁBUA DE MARÉS Hora Altura (M) 14:38 0.7 21:08 2.0 03:23 0.6 10:00 1.9

Santos(SP) Santos(SP)

A PROGRAMAÇÃO É CHECADA DIARIAMENTE, PODENDO HAVER ANTECIPAÇÃO OU ATRASO DE ALGUM NAVIO

Sal Sal

---

FASES DA LUA Minguante (06/11 - 21:36h) Nova

(13/11 - 19:08h)

Crescente

(20/11 - 11:31h)

Cheia

(28/11 - 11:46h)


20 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 19 de novembro de 2012

Segunda-feira

Érika Nesi Moda & Atitude erikamnesi@hotmail.com

Ah, quer saber...

Marex: chega a Natal um novo conceito em compras de utensílios para o lar Com a expansão do Natal Shopping, que vai trazer mais opções de lojas e serviços ao consumidor potiguar, a loja Marex foi inaugurada no segundo piso do shopping e já começa suas atividades trazendo consigo a tradição de um dos grupos mais bem sucedidos do Nordeste: o Grupo Maré Mansa.

Parece que foi ontem

Parece que foi ontem que Carlos Sérgio Moura abriu na esquina da Rua Ceará Mirim com Afonso Pena, um churrasquinho delicioso, que foi sucesso absoluto, congestionando ali o trânsito de tanta gente que parava e ficava. t

t

t

t Edward Garcia, Carlos Sergio Moura, Tales Rosado e Fred Queiroz

Cervantes & Dom Quixote

O D'Vibe no palco lançando o seu DVD

Logo o Cervantes criou corpo e foi pra um local bem maior, no largo do Atheneu mas com o nome de Dom Quixote. Lá foi o ponto de encontro de várias turmas, vários namoros surgiram por lá, enfim difícil, não ter participado de uma dessas fases maravilhosas que com o tempo findaram. t

t

E algum tempo depois, Carlos Sérgio ressurge com não mais um bar e sim, com dois, isso mesmo! Foi então que a Rua Ângelo Varela passou a ser o point com a presença do Cervantes, com seu churrasco inigualável e em frente, o Dom Vinícius com outro tipo de proposta: bar com ar condicionado com aperitivos mais aprimorados e também a cerveja "mofada". t

t

t

Novidades Na loja, é possível conferir linhas de eletrodomésticos, informática, infantil, game, beleza e conforto. São inúmeras opções como cafeteiras, vassouras elétricas, pipoqueiras, poltronas, assentos e esteiras massageadoras, além de outros utensílios portáteis, que abusam de tecnologia diferenciada.

t

t

Uma proposta diferente

t

t

t

Cantão de cara nova

Giovana/Léo Melo, Adriana/Sílvio Santiago

Rosali e Moacir Pinheiro

O Cantão está com roupa nova, a franquia situada no CCAB, Petrópolis mudou de projeto e de donos também. As arquitetas Cláudia Roberta e Renata Dantas assumiram a loja e trouxeram o mais novo projeto da marca, que agora está completamente diferente, com outro estilo, mais opções e gerenciada pela querida Carol Lucena. Sucesso!

t t

t

t

20 anos de história

Sábado, essa história de sucesso completou 20 anos e com uma festa bonita no espaço Cenarium do Hotel Imirá, que reuniu várias das pessoas que nesse tempo todo acompanharam a trajetória de sucesso. t

t

Temporada do exagero

t

E mais...

Foi também o local onde a banda D'Vibe lançou o seu primeiro DVD, e como não poderia ser, o samba bacana da "Chico Preto" e pra finalizar com chave de ouro, a Alphorria. Uma noite agradável, com buffet super bem servido, muito organizado. t

t

Carol/Luiz Lucena

Eveline/Herbet Marinho

t

t

t Henrique Dantas e Renata Passos

Jolian e Andreza Varela

t

t

O que é? É um importante espaço de geração de negócios: são palestras, desfiles e salão de negócios para lojistas de todo o Brasil, compradores internacionais, jornalistas e formadores de opinião. Conceito inédito no Brasil, o Minas Trend Preview promove a troca de conhecimento, a integração entre profissionais e estimula o crescimento e a organização do setor. O Minas Trend Preview, através da coleção de pré-lançamento, auxilia o lojista e impede a desvalorização das marcas com liquidações prolongadas.

t

Espetáculo Um presente de Natal estreia dia 1º de dezembro

A 16ª edição do espetáculo Um Presente de Natal está confirmada para o próximo mês de dezembro, com oito apresentações nas quatro zonas de Natal. Com o apoio do Governo do Estado, através da Lei Câmara Cascudo e patrocínio da Cosern - Grupo Neoenergia, o espetáculo será itinerante e terá este ano o tema: "Natal... Abençoada Seja!". As primeiras apresentações acontecerão na Área de Lazer do conjunto Pajuçara, na Zona Norte, nos dias 1 e 2 de dezembro, a partir das 20h.

t

O Minas Trend Preview se consolidou como o principal evento de pré-lançamentos e alterou o calendário da moda brasileira. Acontecerá de 20 a 23 de novembro no Expominas, em Belo Horizonte/MG, antecipando o próximo inverno.

Reencontro

t

t

11ª. Edição do Minas Trend Preview

t

Mais uma vez onde muitos amigos se reencontraram pra brindar a vida e aos 20 anos do Dom Quixote. Que venham mais 20! Carlos Sérgio, você merece, é profissional competente, querido por todos, do bem, e acima de tudo comanda com muito amor dois points que viraram tradição na cidade, coisa difícil nos dias de hoje!

Vai ser difícil escapar dos maxiacessórios no próximo verão: isso é o que indicaram as passarelas de desfiles da temporada. Sejam colares poderosos de cristais, itens coloridos com inspiração artsy - até mesmo os pincéis foram parar em correntes e brincos - ou braceletes poderosos de corda, os looks do verão 2013 prometem ser marcados por itens statement, sem medo de exagero.

Janaína e Alexandre Mulatinho

Wellington Paim/Marcela e Tércia Farias Bom fim de semana!

FLIP 19/11/2012  

Cidade, economia, politica e esporte

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you