Page 1

Quinta-feira

Ano XVI w NATAL-RN,

13 DE MARÇO DE 2014 w Nº 4.883

R$ 1,00 w jornaldehoje.com.br

Túlio Lemos

> O CANDIDATO DO PMDB

MULHER DE HENRIQUE AFIRMA QUE FERNANDO BEZERRA ESTÁ PREPARADO PARA O GOVERNO

Página 3

w Dimensão do palanque nem sempre representa vitória. Prefeito vai, mas não leva 'o povo'.

Marcos A. de Sá Página 7

w Petrobras reconfirma descoberta de grande reserva de óleo em águas profundas no RN.

SEGUNDO A JORNALISTA LAURITA ARRUDA, EMPRESÁRIO ESTÁ COM ‘NÚMEROS DE ÁREAS CRÍTICAS NA CABEÇA’ E SABE ‘O QUE FAZER NO 1 DIA DE ADMINISTRAÇÃO PARA GERENCIAR PRIMEIRAS CRISES’ O

POLÍTICA 3

> EM OBRAS

Daniela Freire

Cedidas

TACIANA CHIQUETTI - INTERINA

Dilma anuncia mais R$ 577 mi para mobilidade urbana em Natal

Página 12

w Prefeito do interior do RN busca ajuda de líderes do PR para se livrar de possível cassação.

Vicente Serejo

Recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) para obras de mobilidade urbana foram liberados na manhã de hoje. RN também receberá R$ 316 milhões para a modernização dos trens urbanos da região metropolitana.

Página 13

w Robinson e Fátima querem ouvir razões de Wilma e Carlos para não mais apoiá-los.

CIDADE 6

> MOBILIDADE?

Irregularidades e muita paciência em cruzamento da Rui Barbosa CIDADE 6

ESCREVEM ARTIGOS NA EDIÇÃO DE HOJE Aldo Medeiros Filho Maciel Matias Valério Mesquita Janguiê Diniz João Batista Sousa Costa José de Anchieta Cavalcanti João Medeiros Filho

Segundo motoristas, semáforos na Salgado Filho com a Nascimento de Castro ocasionam o congestionamento na Avenida Rui Barbosa

OPINIÃO - Página 2 Heracles Dantas

> INDIGNAÇÃO NACIONAL

Situação da Delegacia de Macau é “extremamente degradante” Em nota, a Comissão de Direitos Humanos da Associação dos Magistrados Brasileiros não poupou críticas ao ocorrido:

"...fere a dignidade desses cidadãos, cuja integridade física e moral são de responsabilidade do Estado brasileiro". CIDADE 10

> SAÚDE PÚBLICA

Infectologista teme epidemia de dengue durante a Copa Especialistas internacionais alertam que o risco de aparecer uma epidemia de dengue no Brasil durante a Copa do Mundo é alto.

O infectologista Luiz Alberto Marinho reforça a preocupação, principalmente nas cidades onde as temperaturas são altas. CIDADE 13 E 14

> COPA DO NORDESTE

> COPA DO BRASIL

Diretoria do América vai avaliar goleada sofrida para o Ceará e mudanças no time

ABC perde por 1 a 0 para Desportiva e técnico afirma que placar é reversível

ESPORTE 15

ESPORTE 15

> LUTO NA CULTURA POTIGUAR

Compositor de marchinhas de carnaval e frevos que fizeram sucesso no país, Claudomiro Batista de Oliveira morreu hoje.

Wellington Rocha/Arquivo JH

Compositor carnavalesco, Dosinho morre aos 87 anos Dosinho gravou dezenas de discos, com destaque para as canções 'Eu não vou, vão me levando' e 'Doido também apanha'. CIDADE 8

INDICADORES: Dólar comercial R$ 2,35 Dólar turismo Dólar/Real

R$ 2,44 R$ 2,35

Euro x real R$ 3,28 Poupança 0,50%/0,41% Taxa Selic 10,75%

E-MAIL REDAÇÃO:

jornalismo@jornaldehoje.com.br

ACESSE O SITE:

www.jornaldehoje.com.br

SIGA-NOS NO TWITTER:

@jornaldehoje

TOTAL DE PÁGINAS NESTA EDIÇÃO

16 CMYK


2 O Jornal de HOJE

Artigo

Opinião

Natal, 13 de março de 2014

ALDO MEDEIROS FILHO, advogado (aldo@aldomedeiros.adv.br)

Artigo

O celular

Quando jovem, morei no Rio de Janeiro por cinco anos. Com exceção do primeiro, vivi os outros quatro anos na Gávea, pertinho da universidade onde conclui o curso de Economia. Aí, iniciei minha vida profissional formal, pois antes havia trabalhado com meu pai, em regime informal. Desenvolvi forte ligação sentimental com o Rio de Janeiro, realimentada a cada viagem que para lá empreendi após o retorno para cá, quando sempre procuro visitar os locais frequentados outrora, reencontrar amigos e parentes queridos com quem mantenho vínculo forte até hoje. Com o passar dos anos e já se vão três décadas, um sentimento de desgaste e abandono pela cidade foi se tornando evidente não só nas visitas, mas também na maciça divulgação de notícias negativas sobre o que acontecia na vida dos cariocas, cuja beleza da cidade sempre foi cantada mundo afora. A violência descontrolada, bueiros que explodiam porque as redes subterrâneas de serviços públicos eram mal conservadas, a indisciplina urbana, enfim as mazelas que lamentavelmente vimos se alastrar pelas demais cidades do país nos anos seguintes, em maior ou menos escala. O Rio de Janeiro foi, sob minha visão, precursor dessa esbórnia nacional que estamos atravessando e presenciando. Não é raro se encontrar na imprensa, referência ao gosto peculiar do eleitor fluminense em votar nas opções mais exóticas que lhe são apresentadas nas eleições. O preço pago é evidente. Aliás, quando os natalenses em determinada época, optaram em ser governados por uma borboleta e uma rosa, uma amigo carioca me alertou para o exotismo da escolha, dizendo que eu doravante estava desautorizado de recriminá-los. Mas a eleição do prefeito Eduardo Paes parecia quebrar essa correnteza exótica. Sua proposta e seus primeiros atos traziam a imagem da seriedade, do profissionalismo, do esforço para tornar novamente o Rio de Janeiro um local habitável. Seu choque de ordem trouxe realmente impacto e melhorias em diversas

Não há faca de dois gumes mais cortante e afiada que o aparelho celular. As estatísticas aí estão para comprovar o que afirmo. Favorece a escuta, acidentes quando utilizado na direção de veículos e em penitenciárias nas mãos dos marginais, sem esquecer outros usos e abusos tão conhecidos de todos. Sei perfeitamente de sua serventia em outras tantas situações. Mas, desejo chegar a dois episódios, até certo ponto cômicos, onde o aparelho, respectivamente, vale mais do que o doente no hospital e do que o homem comum diante da autoridade. O primeiro se refere ao uso rotineiro do celular por alguns médicos na sala de cirurgia dos hospitais. Enquanto os procedimentos operatórios são executados, com as vísceras do paciente expostas, o fone do cirurgião ou anestesista fica ali, sobre a mesa, ora recebendo, ora emitindo ligações. O doente parece assumir um segundo plano e fica à mercê, automaticamente - por conta das manipulações contínuas - da temida infecção hospitalar. Hoje, ela é o fantasma oculto dos nos-

Artigo

MACIEL MATIAS, médico (maciel.matias@terra.com.br)

Mitomania ou simplesmente mentirinhas! "A Mitomania é uma tendência patológica relacionada ao hábito de mentir. O mitômano, diferente do mentiroso, cria suas histórias verossímeis e muito bem construídas, a fim de suprir alguma necessidade interior". Andrea Bandeira. Em 1881 foi criado pelo escritor Ma?rio Collodi, a histo?ria de Pino?quio, em que o personagem principal e? si?mbolo da mentira. Quanto maior a mentira, maior ficava o nariz do boneco de madeira, que queria ser menino de verdade. Como se mente nesse mundo e agora nesse período eleitoral, mentir é inerente à grande maioria dos candidatos. Como eles se abraçam e se beijam, na tentativa de conseguir agregar valor ao palanque. Observou como são religiosos? Não perdem uma procissão de padroeiro. E os elogios?! Na campanha anterior esculhambavam uns com os outros e neste período que antecede à próxima é só elogios até a definição das chapas. Depois o pau vai comer. Quem tem maior telhado de vidro se prepare. Mesmo que hoje haja favorito, as pancadas devem ser violentas para todos os lados. Verdades ou mentiras serão utilizadas com maior ou menor ênfase, na dependência dos padrões éticos e morais de cada um deles. É nesse momento que a mentira prevalece naqueles que habitualmente mentem para conseguir seus objetivos. Será que todo o mundo mente? Eu tenho lá minhas mentirinhas. E quem será que mente mais, homens ou mulheres? Segundo Katie Maggs, médica e pesquisadora do Museu da Ciência de Londres, mentir é aparentemente uma parte inevitável da natureza humana, mas é um fenômeno muito importante também nas interações sociais. Ela realizou uma pesquisa com 3.000 pessoas e identificou que os homens mentem mais que as mulheres. Será? Eu acho que elas sabem mentir melhor. Quando uma pessoa fala uma verdade ou conta uma mentira, estes são comportamentos verbais aprendidos e que são mantidos pelas consequências que elas produzem. Por que as crianças mentem para os pais? Porque eles costumam punir quando elas falam a verdade sobre algo que os pais consideram errado. Sabe que é isso mesmo. Criança sabida é bicho danado. Mente que só ela, para não levar porrada quando algo saiu errado. A forma de aumentar a probabilidade de dizer a verdade em crianças ou adultos é valorizar, enaltecer e gratificar os momentos em que a verdade é dita. David Livingstone Smith diretor do Instituto de Ciência Cognitiva e Psicologia Evolutiva da Universidade de New England, nos Estados Unidos, defende que o mundo seria um caos se todos decidissem falar a verdade. Em seu livro Por que Mentimos - Os Fundamentos Biológicos e Psicológicos da Mentira (Editora Campus/Elsevier), afirma que somos

programados para enganar desde os primórdios da humanidade. Seja para nos proteger, seja para levar vantagem. Afirma que os políticos são os mais habilidosos no ato de mentir. Numa entrevista à Veja, quando indagado se existe política sem mentira, foi taxativo: "Infelizmente, não. A democracia é algo maravilhoso, mas funciona por um processo de venda e manipulação. Nesse processo, a mentira é intrínseca. A única proteção que temos contra isso é sermos céticos, críticos e podermos contar com uma imprensa justa, livre e que defenda os cidadãos". Veja quais são as 10 mentiras mais comuns que homens e mulheres contam a seus parceiros. Homens: 1. Eu não bebi tanto assim; 2. Não tem nada de errado, estou bem; 3. Estava fora de área; 4. Não foi tão caro; 5. Estou chegando; 6. Estou preso no tráfego; 7. Não, seu bumbum não parece grande nisso; 8. Desculpa, não ouvi o celular tocando; 9. Você perdeu peso; 10. Era bem disso que eu estava precisando. Mulheres: 1. Não tem nada de errado, estou bem; 2. Não sei onde está, eu nem mexi nisso; 3. Não foi tão caro; 4. Eu não bebi tanto assim; 5. Estou com dor de cabeça; 6. Estava na promoção; 7. Estou chegando; 8. Ah, eu tenho faz um tempão; 9. Não, eu não joguei no lixo; 10. Era bem disso que eu estava precisando. É fácil identificar um mentiroso? Os estudiosos no assunto afirmam que depende de cada caso e principalmente do comportamento psicológico do mentiroso. A análise da Leitura Corporal, pode em algumas vezes desmascarar um mentiroso. Um livro muito conhecido, O Corpo Fala - A Linguagem Silenciosa da Comunicação Não-verbal, faz uma série de análises do indivíduo, durante as respostas ou situações conflitantes. Quando falamos em leitura da Linguagem Corporal é importante destacar que nunca se deve analisar um gesto isolado de outros e das circunstâncias. A leitura deve ser feita no conjunto de gestos, na postura, nas expressões faciais e no momento das respostas. Embora qualquer pessoa possa mentir, temos de distinguir a mentira banal da mentira psicopática. O psicopata sabe que está mentindo, não se importa, não tem vergonha ou arrependimento, muitas vezes mente sem nenhuma justificativa ou motivo. Em algumas situações a mentira serve para proteger e manter o vínculo. "Às vezes a verdade nua e crua é crueldade. Tem que ter limite, mostrar dente demais magoa. Calar-se e esperar o momento mais adequando para falar é a melhor saída", explica Leila Tardivo, psicóloga e professora do Instituto de Psicologia da USP. "Que vantagem têm os mentirosos? A de não serem acreditados quando dizem a verdade." Aristóteles. "Fiquei magoado, não por me teres mentido, mas por não poder voltar a acreditar-te." Friedrich Nietzsche.

Artigo

Artigo

VALÉRIO MESQUITA, escritor (mesquita.valerio@gmail.com)

Um prefeito patético áreas da cidade. Passados os anos, começaram a surgir sinais de que o velho e consolidado exotismos estava de volta. A publicidade de uma lei inócua que mantinha servidores municipais nas ruas aguardando a oportunidade de multar quem jogasse uma ponta de cigarro fora, pareceu de uma evidente demagogia e claro desperdício de recursos públicos, com finalidade tão somente de trazer publicidade. Tudo bem se a publicidade tivesse como objetivo induzir a população a colaborar e participar da limpeza pública. Os fatos recentes mostraram que não. O próprio prefeito foi flagrado praticando este ato brasileiríssimo de jogar uma ponta de papel na rua. Os garis do Rio de Janeiro, adotando a moda de vence o mais forte, pouco importando as leis e o bem comum, transformaram o carnaval carioca no maior lixão do mundo. Aí a cidade voltou os olhos pro prefeito do choque de ordem e recebeu como resposta a decisão de demitir 250 garis imediatamente, pois inexistiam recursos para dar o aumento de 40% pleiteado pelos grevistas, sem paralisar outros serviços essenciais. Tudo parecia muito lógico, mesmo desconsiderando a ilegalidade evidente da greve, não parecia ser possível atender aquela reivindicação tão contundente. Eis que de repente assistimos na televisão, um prefeito explicando à população que o aumento de 37% concedido era possível pois os garis são muito importantes para a cidade e ele sempre buscou reconhecer essa situação. Poucas vezes na vida vi algo tão patético de um político que antes eu considerava detentor de seriedade. Se havia capacidade de pagamento, por que se esconder atrás de um sindicato claramente pelego e submeter a cidade ao vexame que foi um carnaval no lixão? Se os garis mereciam este sacrifício da cidade, por que a encenação de demitir 250 deles por mensagens de SMS? O que os cariocas ganharam com isso? O de sempre: a constatação da falta de seriedade dos seus governantes.

Quinta-feira

sos hospitais. Por outro lado, a preocupação com o aparelho induz a distração, a leniência e a dispersão da equipe, com a prevalência da máquina mortífera sobre a vida do enfermo. Tais reflexões me fazem lembrar um episódio, que ainda não contei, ocorrido comigo e um secretário de Estado, José Maria Melo, durante o governo de Garibaldi Alves Filho. Àquela época, eu exercia o mandato de deputado estadual e lhe pedira, via celular, uma audiência, ao lado de dois inefáveis vereadores macaibenses. Após os cumprimentos de praxe, iniciei a narrativa dos assuntos, sendo interrompido três vezes pelo celular Motorola tamanho sapato Fox 41, colocado sobre o birô. Sem que pudesse concluir a conversa administrativa na íntegra, apelei para um procedimento insólito. Lembrando-me que o seu número ainda estava gravado na memória do telefone, liguei-lhe no instante em que pedia água e café: "Alô, é o doutor Zé Maria?". "É, sim. Quem fala?". "É Valério, Zé Maria. Vamos concluir a nossa audiência pelo celular mesmo, e não

pessoalmente, ok?". Não desligamos e fomos até o fim da audiência sem sermos perturbados. Conclusão: O celular é bicho incômodo e desatencioso. Desculpas à parte, juntos aprendemos a lição. Principalmente ele, sob os olhares atônitos dos dois edis Ismar Fernandes Duarte e Francisco Pereira dos Santos. Por último, até já disseram que o uso exagerado do celular provoca irradiações no cérebro e surdez. De outra feita, quando exercia o mandato de deputado estadual, D. Marilene Gomes, então secretária, apressada, adentrou ao gabinete para, do meu celular, cumprir a agenda de ligações porque o telefone fixo havia pifado. O primeiro da lista que solicitei se referia ao jornalista Paulo Macêdo. Completada a ligação, ela confirma: "Alô? É doutor Paulo Mesquita?", e passou-me o aparelho. No momento eu escrevia e só ergui a cabeça para explicar-lhe: "Era meu tio. Ele não vai atender. Só se for em sessão espírita. Morreu há mais de vinte anos...", disse-lhe com a serenidade de um funeral. Celular é fogo...

JANGUIÊ DINIZ, mestre e doutor em Direito (janguie@sereducacional.com)

O desperdício de alimentos e a fome Um especialista do Banco Mundial afirmou, recentemente, que o aumento da pobreza mundial está diretamente ligada ao desperdício de alimentos. A lógica para o entendimento dessa afirmação é simples: lei da oferta e da procura. Quanto mais comida as pessoas desperdiçam jogando fora, mais caros ficam os alimentos e as famílias se vêem obrigadas a gastarem mais com comida e menos com outras atividades, como educação. No mundo cerca de 100 milhões de pessoas estão sem teto; existem 1 bilhão de analfabetos; 1,1 bilhão de pessoas vivem na pobreza, destas, 630 milhões são extremamente pobres; 1,5 bilhão de pessoas vivem sem água potável; 1 bilhão de pessoas passando fome e mais de 840 milhões de famintos. Diariamente, vemos propagandas sobre economia de água e de energia, no entanto, não acompanhamos campanhas contra o desperdício de alimentos. Em 2013, cerca de um terço de todos os alimentos produzidos para consumo humano foi perdido ou desperdiça-

Artigo

do. Isso significa aproximadamente 1,3 bilhão de toneladas, totalizando 750 bilhões de dólares anuais ou 2 bilhões de pessoas a mais que poderiam estar sendo alimentadas. A maior parte desse desperdício acontece nas fases de pósprodução, como colheita, transporte e armazenamento da produção. Sem dúvidas, não existe consciência sobre isso, nem nos países mais ricos. Há consciência para produzir mais alimentos, visando atender o consumo, mas não para melhorar o desperdício de alimentos, sobretudo através de conscientização e educação. Claro que não podemos culpar apenas a falta de conscientização como causa para o desperdício de alimentos. Nos países em desenvolvimento, o desperdício dos alimentos é relacionado à infraestrutura inadequada, enquanto nos países mais desenvolvidos o problema ocorre durante as fases de comercialização e consumo. E assim, voltamos a um problema já conhecido por todos nós: a falta de infraestrutura. Para reduzir as perdas

de alimentos, melhorando os índices e resultando também em benefícios econômicos para o País, é preciso investir mais em diversas áreas, como portos, estradas, armazéns e transportes refrigerados para a melhor conservação dos produtos. Além disso, faz-se necessário investir também na melhoria da informação como forma de conscientização. Segundo dados da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), apesar de ser a região que menos desperdiça no mundo, com 6%, a América Latina “joga fora” todos os anos 80 milhões de toneladas de alimentos, ou seja, 15% de sua produção anual. O Brasil já foi premiado por ter reduzido a fome antes do prazo de 2015, estabelecido pela ONU nos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, que em sua primeira meta previa a diminuição, pela metade, da proporção de pessoas com fome. Mas, isto ainda é pouco. Precisamos acabar com a fome e a pobreza em sua totalidade.

JOÃO BATISTA SOUSA COSTA, diretor de Carnaval da Balanço do Morro - Campeã 2014 (jbsc01@yahoo.com.br)

A organização da escola de samba melhorou? Até o final do ano de 2012, eu pesquisei as escolas de samba de Natal. Fui a quase todos os barracões, acompanhei a construção das alegorias e percebi como se estruturavam as escolas de samba. No ano passado, fui convidado por algumas escolas de samba para fazer parte da diretoria e aceitei o convite da Balanço do Morro por apresentar um pouco mais de estrutura. Já como diretor de Carnaval da Balanço, fui campeão em 2014. Mas o que posso dizer agora? Houve mudanças na estrutura das escolas de samba? Ajudando a construir as escolas de samba, percebo muito mais claramente que a fórmula de organizar seus desfiles está superada. Elas trazem os grupos de quadrilhas e grupos de danças pagos para formar as alas. Claro que os grupos são organizados, muitos fazem coreografias, até enfeitando o desfile, mas mostra uma artificialidade na participação. Fazendo uma avaliação das esco-

Artigo

las de samba do RN alguns aspectos devem ser levados em consideração. A primeira é que uma boa parte dos grupos que formam alas é paga e o seu transporte exige um custo. Esse ano a Funcarte não custeou. Isso dificultou mais ainda a realização do desfile. Outro aspecto negativo é que alguns grupos de danças saem em ate três escolas, comprometendo a sua arrumação, a harmonia e evolução. Dessa maneira, chega ao ponto de alas inteiras saírem em duas escolas levando a desfiles medíocres, repetitivos e de baixo valor técnico, pois compromete toda a essência da ópera popular. O terceiro aspecto negativo diz respeito à gestão das escolas de samba de Natal que na maioria das vezes apresentam posturas centralizadoras e práticas de desenvolver o trabalho sem um planejamento prévio e um mínimo de organização necessária para a preparação de um desfile de qualidade. Falta

eficiência, eficácia e democracia. O quarto elemento desfavorável a um desfile de qualidade é a dependência financeira das escolas em relação à Funcarte. Elas precisam se organizar no sentido de se auto gerenciarem financeiramente, pois salvo algumas exceções, as escolas dependem exclusivamente da Funcarte. A consequência desses elementos citados está nos resultados dos desfiles. A disputa sempre está polarizada nas duas escolas mais tradicionais e um pouco mais organizadas para realizar o desfile que são a Balanço do Morro e a Malandro do Samba. Portanto, não percebo evolução da estrutura das escolas de samba, e dessa forma, a minha permeância numa delas em Natal só será possível se alguma estiver aberta para uma reestruturação nos aspectos da gestão que diz respeito a democratização, a inovação, o planejamento e administração dos recursos.

JOSÉ DE ANCHIETA CAVALCANTI, Advogado e Membro da Regional Natal da Seicho-No-Ie

Educar é um profundo ato de amor Entendemos que educar se constitui em verdadeiro e grandioso gesto de amor. Que seria da sociedade, dos meios de relação entre as pessoas se não fosse o processo educativo? Acreditamos que nada existiria de bom e de correto sem que esses meios fossem colocados em prática. Sabemos que a sacrificada classe de educadores, mesmo diante das atitudes de indiferença de nossos governantes no atendimento de suas justíssimas reivindicações usam de todas as formas possíveis, inclusive do imbatível amor, com o objetivo único de não virem a faltar com o sagrado dever de levar sempre a sagrada chama do conhecimento àqueles que dela necessitam. Dentro desse mesmo princípio de colaboração amorosa, vem a SeichoNo-Ie, através de seu método "Educação do Filho de Deus" colocar todo seu material didático para uso daqueles que se dedicam e se interessam pelo processo educacional. A obra que poderemos considerar como base para a "Educação" é a "Verdade da Vida" que se constitui de 40 volumes. A leitura dessa obra a filosofia da Instituição é explicada de modo compreensível e o leitor à medida que se

aprofunda em sua leitura obtém a profunda convicção de que o ser humano é realmente filho de Deus, obtendo sucesso na educação dos filhos como também melhora sua vida em todos os sentidos. Isso é realmente uma coisa extraordinária! Em sua obra educativa "Educação do Filho de Deus" Keiyo Kanuma nos sugere várias coisas para um aproveitamento maior do método; entre elas: "A) O Ideal é adquirir a coleção completa de a "Verdade da Vida" e ler a partir do primeiro volume. Os volumes 1 e 2 são o sumário. O volume 7 trata da "Vida Cotidiana".O estudo desse volume infunde no leitor ânimo de viver o dia-a-dia. Os volumes 13 e 14 tratam da Ética/Educação. Explicam a teoria da Educação. Os volumes 25 e 26 referem-se à "Pedagogia na Orática",e o volume 30 à "Educação de crianças/Preleção sobre escrituras sagradas". Os volumes 29 e 40 têm como subtítulo, respectivamente, "Educação da Mulher" e "Educação no Lar". Há também o livro Pedagogia da Seicho-No-Ie, no qual foram compilados trechos concernentes à educação,

extraída de A Verdade da Vida. Antes de mais nada leiam esses livros com atenção. Encerrando suas indicações nos diz ainda o professor Kanuma: "Com a leitura aprofundada de a Verdade da Vida, é possível conhecer tanto a teoria como os métodos práticos da educação. Portanto, através da leitura dessa obra, descubra o método educacional que forma gênios mais apropriado a você". Como vemos, caros leitores, o ato amoroso de educar não preocupa apenas a nós brasileiros mas ao mundo inteiro que procura metodizar os sistemas a fim de que as formas intelectuais e pedagógicas possam sempre caminhar juntas e de uma forma objetiva ajudar melhor os seres humanos. O amor é força que impulsiona e estimula o processo educativo! Obs: A obra educacional A Verdade da Vida encontra-se na sede da Regional da Seicho-No-Ie Natal e pode ser adquirida por volumes separados. Aqueles que se interessarem, por se tratar de uma obra educativa podem colher maiores informações pelo fone 3231-1213 ou informações na Biblioteca a Rua João da Mata, 29-Natal RN.

JOÃO MEDEIROS FILHO, padre e membro da Academia Norte-rio-grandense de Letras (pe.medeiros@hotmail.com)

O novo bispo de Caicó Encontramos no Profeta Isaías estas palavras de Javé: "Os meus caminhos não são os vossos caminhos, meus pensamentos não são os vossos pensamentos e os meus desígnios não são os vossos desígnios" (Is 55, 8-9). Deus não está preso à vontade, aos interesses e planos dos homens. É livre, realiza o que é melhor e capaz de nos trazer alegria e paz. Aliás, na oração do Pai Nosso, temos consciência disso e expressamos esse desejo: "Seja feita a vossa vontade assim na terra como no céu". A nomeação do novo bispo de Caicó, anunciada em 12 de fevereiro passado, leva-nos a refletir sobre essa verdade bíblica. Não nos cabe emitir juízo sobre a escolha, mas analisar o procedimento. "Veio quem o presbitério não cogitava", segundo afirmativa do administrador diocesano. "Alguns bispos do Regional Nordeste II ficaram surpresos com a indicação", como dissera um arcebispo. Não devemos esquecer a observação de um exassessor da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil - CNBB ao Núncio Apostólico da época, o atual Cardeal Baldisseri: "Temos hoje poucas indicações de pastores, profetas e teólogos para o episcopado". Doze anos depois, veio Francisco com uma recomendação proferida, durante a JMJ, no Rio de Janeiro: "Prestai atenção a fim de que os candidatos sejam Pastores [letra maiúscula] próximos do povo: este é primeiro critério. Pastores próximos do povo! Aquele que é um grande teólogo, tem uma mente brilhante, que vá para a Universidade, onde fará muito bem! Pastores! Temos tantas necessidades de Pastores! Que sejam pais e irmãos, que sejam mansos, pacientes e misericordiosos; que amem a pobreza interior como liberdade para o Senhor e também a exterior, como simplicidade e austeridade de vida, que não sigam uma psicologia de Príncipes". Esperamos que o recémnomeado bispo seridoense atenda ao perfil traçado por Francisco. O novo prelado caicoense, pelo que tem demonstrado em suas entrevistas, é um simples. Seu sacerdócio foi exercido, não em santuários ou paróquias importantes, mas em igrejas de periferia do Rio de Janeiro e Minas Gerais. Para alguns vaticanólogos, a escolha de Dom Antônio Carlos faz parte do processo de renovação da própria Igreja, também em âmbito regional. Convém sublinhar a frase do evangelista João: "O espírito de Deus sopra onde quer" (Jo 3, 8). Desejamos que a nomeação do novo antístite seridoense reafirme esta afirmativa bíblica e teológica. Devemos lembrar que a diplomacia vaticana é uma das mais esmeradas do mundo. Os futuros núncios são orientados no cadinho do Almo Collegio Capranica e da Academia Pontifícia Eclesiástica, de Roma, e aliam à prudência evangélica - no escutar, ver e analisar - as necessidades pastorais, culturais e teológicas. Como os militares são preparados para o cumprimento da ordem, da segurança e da paz, os núncios são formados para fomentar a união, a colegialidade e o entendimento interno das igrejas locais. Desde o Concílio Vaticano II, tem havido um trabalho de renovação eclesial. E com o Papa Francisco essa preocupação aumentou. Durante meio século, a diocese do Seridó contou com a liderança de pastores oriundos do clero natalense. Foi importante e providencial. Entretanto, a nunciatura percebeu a necessidade de novos rumos pastorais para manifestar a universalidade e pluralidade da Igreja. A história eclesiástica do Brasil tem mostrado isso. Por exemplo, noutro estado do nordeste, após seis décadas de uma mesma orientação e tendência pastoral, a Santa Sé resolveu renovar. E desta forma, poderemos verificar em muitas dioceses brasileiras. Seja bem-vindo, dom Antônio Carlos! Apascente com amor o rebanho do Senhor. Ele tem mais necessidade de ternura, perdão, zelo, escuta e diálogo do que de teorias teológicas, assertivas dogmáticas, códigos canônicos, regras litúrgicas, normas administrativas etc. A grei do Seridó tem grande fome e sede de Deus! Que seja levado o Pão da Vida, da Palavra e do Amor!

NOTÍCIAS QUE OS OUTROS PUBLICARÃO AMANHÃ

OJORNALD EHOJE DIRETOR-EDITOR Marcos Aurélio de Sá DIRETOR ADMINISTRATIVO Marcelo Sá DIRETORA DE REDAÇÃO Sylvia Sá

EDITORES Danilo Sá Juliana Manzano EDITOR DE POLÍTICA Túlio Lemos

w w w . j o r n a l d e h o j e . c o m . b r EDITOR DE ESPORTES Fábio Pacheco EDITORA DE CULTURA Conrado Carlos EDITOR / JH Online Wagner Guerra GERENTE COMERCIAL – Karina Mandel

ASSINATURA ANUAL Capital: R$ 210,00 Interior (via ônibus): R$ 250,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EXEMPLAR AVULSO R$ 1,00

ASSINATURA SEMESTRAL Capital: R$ 130,00 Interior (via ônibus): R$ 150,00 Interior e outros Estados (via correios): valor da assinatura + o custo da postagem EDIÇÃO ATRASADA R$ 4,00

O JORNAL DE HOJE se reserva o direito de não aceitar informes e material publicitário que infrijam as leis do país e a ética jornalistica. Informações, comentários e opiniões contidos em artigos assinados não possuem, necessariamente, o endosso da Direção. Só é permitida a reprodução de matérias com prévia autorização escrita e com a citação da fonte em destaque

REDAÇÃO E OFICINAS: Rua Dr. José Gonçalves, 687 - Lagoa Nova | Natal - RN - CEP 59056-570 |Brasil - Telefax: (84) 3211-0070 ramal 214 - Assinaturas: (84) 3221-5058 | jornalismo@jornaldehoje.com.br - www.jornaldehoje.com.br Editado e publicado por RN Gráfica e Editora Ltda. http://www.jornaldehoje.com.br - jornaldehoje@digi.com.br - jornaldehoje@uol.com.br - artigos@jornaldehoje.com.br - administracao@jornaldehoje.com.br - jornalismo@jornaldehoje.com.br - assinaturas@jornaldehoje.com.br - comercial@jornaldehoje.com.br


Política

Quinta-feira

Natal, 13 de março de 2014

O Jornal de HOJE 3

Mulher de Henrique: Fernando sabe o o que fazer no 1 dia de administração LAURITA ARRUDA REVELA PREPARAÇÃO DO EMPRESÁRIO PARA GOVERNAR O RN: “ESTÁ COM OS NÚMEROS NA CABEÇA” Arquivo

CIRO MARQUES REPÓRTER DE POLÍTICA

Deputados, lideres partidários, aliados políticos. No momento, ao que parece, todos estão defendendo o nome do presidente da Câmara Federal, Henrique Eduardo Alves, para ser o candidato do PMDB lançado ao Governo do Estado. Todos, menos a mulher do próprio Henrique, a jornalista Laurita Arruda. Em postagem publicada na manhã de hoje no blog dela, o Território Livre, Arruda revela os bastidores da cúpula peemedebista e afirma que Fernando Bezerra ainda está no páreo, mesmo evitando falar publicamente sobre o assunto. Sem qualquer palavra sobre Henrique governador (seja ela positiva ou negativa), Laurita Arruda defende o nome de Fernando Bezerra, afirmando que as ausências dele se justificam pelo “perfil” do empresário. Isso não quer dizer, porém, que Fernando Bezerra está “sentado esperando”. Ele estaria estudando a situação do Rio Grande do Norte e buscando formas para solucionar a crise pela qual o Estado atravessa. “Foco no principal”, conforme diz Laurita Arruda, colocando o “principal” como a preparação para gerir o RN e não em aparições públicas e troca de declarações pelos jornais. “Para quem imagina o ex-senador Fernando Bezerra (PMDB) sentado a esperar a decisão do partido sobre a chapa majoritária de outubro é melhor mudar seus (pré) conceitos”, afirmou Lauri-

Foco no principal Para quem imagina o ex-senador Fernando Bezerra (PMDB) sentado a esperar a decisão do partido sobre a chapa majoritária de outubro é melhor mudar seus (pré) conceitos. Informação: FB recebeu os primos Garibaldi e Henrique Alves domingo pela manhã para uma conversa política em seu apartamento em Areia Preta e mostrou o dever concluído durante o Carnaval. Apesar de distante oito anos da vida pública, Bezerra está com os números de áreas críticas como saúde e segurança do Rio Grande do Norte na cabeça. Melhor. Sabendo o que o próximo governador terá que fazer no primeiro dia de administração para gerenciar as primeiras crises. Como fazer também. Ninguém espere que o pmdbista fale à imprensa para responder provocações politiqueiras do momento. Não fará. Questão de estilo… Texto publicado por Laurita Arruda no blog Território Livre

Segundo Laurita, Fernando Bezerra estudou números do atual Governo para buscar soluções para crises do Rio Grande do Norte ta Arruda no início do texto. Isso já faz a mulher de Henrique Alves ir de encontro às recentes críticas que o nome de Fernando Bezerra recebeu porque estaria, supostamente, apenas esperando ser lançado candidato ao Governo pelo partido, sem ter que fazer qualquer esforço para isso, como participar de eventos públicos, dar entrevistas e debater com eleitores e lideranças.

Laurita não nega que Fernando Bezerra esteja ausente. Não teria como. O empresário, realmente, não é visto em eventos sociais, nem mesmo os organizados pelo PMDB. A mulher de Henrique afirma que o ex-ministro está trabalhando, primeiro, para conhecer o Estado. Essa seria uma forma de justificar a ausência e, ainda, confirmar o perfil que o próprio partido tem tentado dar a Fernan-

do Bezerra, de que ele é um “nome diferente”, menos político e mais empreendedor, que no lugar de ficar pedindo voto, prefere conhecer o Estado e saber como resolver seus problemas. “Informação: FB (Fernando Bezerra) recebeu os primos Garibaldi e Henrique Alves domingo pela manhã para uma conversa política em seu apartamento em Areia Preta e mostrou o dever concluí-

do durante o Carnaval. Apesar de distante oito anos da vida pública, Bezerra está com os números de áreas críticas como saúde e segurança do Rio Grande do Norte na cabeça. Melhor. Sabendo o que o próximo governador terá que fazer no primeiro dia de administração para gerenciar as primeiras crises. Como fazer também”, defendeu Laurita Arruda. A jornalista acrescenta que Fer-

nando Bezerra não vai mudar seu perfil agora, mesmo após ter “estudado” a situação do Governo. Continuará alheio a forma tradicional de se fazer política e sem responder aqueles que estão criticando a postura demonstrada por Bezerra. “Ninguém espere que o pmdbista fale à imprensa para responder provocações politiqueiras do momento. Não fará. Questão de estilo…”, encerrou a nota.

Ausências fizeram nome do Sem PT no RN, Henrique empresário se enfraquecer pode tentar reeleição na entre integrantes do PMDB Presidência da Câmara É importante lembrar que essas palavras de Laurita Arruda repetem, meses depois, os discursos de líderes peemdebistas, como o ministro Garibaldi Alves Filho, o deputado Nélter Queiroz e o próprio Henrique Alves. Todos afirmaram, no final do ano passado/início deste ano, que o ex-ministro era o melhor nome por ser um perfil gestor, empreendedor, que poderia tomar as melhores medidas para tirar o Estado da condição de crise. "Fernando Bezerra é um nome que está posto para a discussão com outros partidos e com a sociedade, sem nenhum tipo de pressão. Ele tem um perfil importante para o RN que é o perfil de gestor. O povo está cansado de candidato simpático, popular, carismático. Precisa de um gestor que consiga resolver os problemas", chegou a dizer Nélter Queiroz sobre Fernando Bezerra em ja-

neiro deste ano. O problema é que, de lá para cá, o nome de Fernando Bezerra foi se enfraquecendo, pelo fato do empresário, simplesmente, não participar de eventos públicos, nem dar entrevistas. Consequentemente, vários correligionários passaram a criticar a postura de Bezerra, afirmando que ele não estaria fazendo coisa alguma para amenizar o fato de que está há oito anos fora da política local. Se o nome de Fernando Bezerra caiu, o de Henrique Alves, como potencial candidato ao Governo, cresceu, passando até a ser defendido pelos líderes do partido que antes preferiam o empresário. O próprio Nélter Queiroz, inclusive, afirmou na edição desta quarta-feira d'O Jornal de Hoje que a chapa Henrique e Wilma de Faria, para o Senado, só falta ser homologada. Dias antes, o deputado estadual Walter Alves, filho

de Garibaldi, afirmou que o melhor seria Henrique, "pela experiência". Henrique não comentou esse crescimento. Não disse que era candidato ou que não era e, na última declaração que deu em Natal sobre o assunto, não respondeu a pergunta de que, se fosse escolhido pelas bases do partido, seria mesmo o candidato lançado pelo PMDB ao Governo. Laurita Arruda, porém, se pronunciou. Evitou defender o nome de Henrique, que seria o lógico, sendo ela mulher dele, e recolocou Fernando Bezerra no jogo. Resta saber se os correligionários (e potenciais aliados) vão se contentar com essa justificativa dada pela jornalista, para que eles não descartem totalmente Fernando Bezerra e pensem, apenas, em Henrique. Se não der certo... Bom, Henrique ainda não descartou a hipótese totalmente.

Há quem diga que mesmo quando defendia o nome de Fernando Bezerra para o Governo, Henrique Alves nutria o desejo de ser o nome do partido para a disputa pelo Executivo Estadual. Para não correr o risco de ficar sem mandato depois de 11 mandatos como deputado federal, o presidente nacional do PMDB estudava formas de reunir todos os partidos da oposição ao Governo Rosalba Ciarlini em torno do seu nome para, então, ser o candidato apresentado aos eleitores. O plano caminhava nesse sentido no final de 2013. Bom, caminhava, pelo menos, para o isolamento do vice-governador Robinson Faria, do PSD, enquanto PT, PSB, PROS, PV, PR e outras siglas acompanhavam o “projeto” peemedebista, mesmo sem qualquer nome confirmado para disputar o Governo pelo partido de Henrique.

Heracles Dantas

Henrique sonha unir a oposição no RN A situação mudou quando o PT se aproximou de Robinson. Atualmente, a aliança entre os dois partidos é quase que irreversível, o que

provoca uma divisão de forças no Rio Grande do Norte. Henrique tem a mesma média de votos de Robinson nas pesquisas divulgadas em 2013. Fátima Bezerra, do PT, se iguala a Wilma de Faria, do PSB, pelo Senado. Sendo assim, para Henrique, o risco dele ficar sem mandato eletivo em 2015 aumentou. Por isso, inclusive, Henrique teria tentado até articular com o PT Nacional para tirar o apoio petista a Robinson. Com PT e PSB, o nome lançado pelos peemedebistas teria mais chance de eleição. A hipótese, porém, não anda evoluindo, justamente, pelo estremecimento na relação nacional das duas siglas. Nesse cenário de "divisão de forças", há quem diga que Henrique não iria correr riscos e buscaria mesmo a reeleição. Fernando Bezerra, então, seria o nome do PMDB para disputar o Governo do Estado.

Túlio Lemos POLÍTICA - TÚLIO LEMOS CANDIDATURA As informações, afirmações e opiniões emitidas pela mulher do deputado Henrique Alves a respeito do exsenador Fernando Bezerra, deixam cada vez mais a impressão que o dono da Ecocil poderá realmente ser o candidato do PMDB ao Governo do Estado. A leitura feita é esta. PALANQUE A eleição majoritária do RN sempre leva em consideração o tamanho do palanque que determinada chapa consegue montar. A dimensão do palanque tem como parâmetro o número de prefeitos que integra o grupo. Essa conta nem sempre representa vitória eleitoral.

tuliolemosjh@gmail.com / @tuliolemosrn

O prefeito vai, mas não leva 'o povo'.

votos de maioria.

PASSADO Para relembrar essa situação temos histórias recentes de palanques superlotados de lideranças, em que o candidato foi derrotado. Para não ir muito longe, Em 2002, Wilma de Faria renunciou ao mandato de prefeita de Natal para ser candidata ao Governo. Contabilizava apenas 3 prefeitos: o de Natal, Carlos Eduardo; o de Parnamirim, Agnelo Alves e o de São José de Mipibu, Arlindo Dantas. Fernando Bezerra e Fernando Freire 'abarcaram' praticamente todos os prefeitos do RN. Um ficou em terceiro lugar; o outro, perdeu com mais de 260 mil

ESCÂNDALOS O deputado Nélter Queiroz, disse ontem, na 96 FM, que tudo pode mudar na política do RN. "E se estourar os escândalos de Wilma?", perguntou o parlamentar de Jucurutu, em tom de sinalização que a revelação de escândalos poderá mudar o quadro eleitoral no RN. Nélter acrescentou que todos os protagonistas do pleito 2014 também têm seus escândalos: "Todo mundo tem. Henrique tem, Robinson tem...". VÍSCERAS Por falar em escândalos, Sher-

loquinho afirma que há vídeos que serão apresentados durante a campanha, em que um candidato a vice aparece cheirando cocaína. O detetive não acrescentou quem seria esse candidato, já que as chapas ainda não foram sequer anunciadas. HUMILDADE O prefeito interino de Mossoró, Francisco José Junior, o Silveira, esteve ontem na Assembleia Legislativa. Passou boa impressão entre os deputados, especialmente a aparente humildade. O filho de Chico Seringa caminha para ser efetivado pelo voto, prefeito do segundo maior colégio eleitoral do RN.

DÍVIDA O Governo do RN deve a quase todos os fornecedores e prestadores de serviço. Mas há uma dívida criminosa: a do Cidadão Nota 10. Entidades juntam notas fiscais e encaminham para recebimento de recursos. O problema é que o dinheiro não é repassado às instituições; algumas delas são entidades que prestam serviço de atendimento a crianças na área de saúde. Além de apropriação indébita, o calote oficial provoca sérios problemas de funcionamento nas instituições. INTERVENÇÃO A decisão do juiz Homero Lechner, de decretar intervenção na Fun-

dac, foi tomada diante da completa incompetência do Governo e falta de respeito da atual gestão em relação ao funcionamento da Fundac e às determinações judiciais. O problema é se o judiciário estender as intervenções para outras áreas inoperantes do Governo. Dessa vez a Rosa não escapa. SALÁRIO O novo secretário de Segurança, general Girão Monteiro, não vai optar pelo salário do Exército como foi dito aqui na coluna. Na verdade, por estar na reserva das Forças Armadas, Girão vai continuar recebendo o salário de general e mais o de secretário de Segurança.


4 O Jornal de HOJE

Política

Natal, 13 de março de 2014

Walter Gomes DE BRASÍLIA - walgom@uol.com.br

Onde o passado resiste Candidato a permanecer mais um quadriênio no brasiliense Palácio do Buriti, Agnelo Queiroz (PT) sofre a contestação de dois desafiantes bem posicionados. Para chegar ao segundo turno (26 de outubro), terá de eliminar, no primeiro, o ex-governador José Roberto Arruda (PR) ou o senador Rodrigo Rollemberg (PSB). Ambos são bons de voto. nnn

Embora seja político marcado por denúncias de ilicitudes - não pôde concluir mandatos no Senado e no Executivo -, Arruda é o desafiante com apoios mais sólidos. Tem como vice a deputada Liliane (PRTB), uma das filhas do populista Joaquim Roriz, quatro vezes governador do Distrito Federal. Gim Argello (PTB) é o candidato da aliança à reeleição ao Senado. O petebista chegou à Casa por causa da renúncia de Roriz, o titular que seria cassado. nnn

Rollemberg ainda articula a composição da chapa. O recandidato Queiroz está na fase conclusiva. O vice-governador Tadeu Filippelli (PMDB) continuará parceiro. Para o Senado, a frente situacionista cobiça o deputado José Antonio Reguffe (PDT). O socialismo nativo, também. Não se trata de solução fácil. Se depender do pedetismo, cujo líder no DF é o senador Cristovam Buarque, ele concorre à sucessão de Agnelo. Reguffe teria outro cabo eleitoral de elevado prestígio em Brasília: Marina Silva. nnn

Posição dos pretendentes ao governo na corrida presidencial. Agnelo Queiroz renova a dobradinha com Dilma Rousseff. José Roberto Arruda cede seu palanque a Aécio Neves. Rodrigo Rollemberg fica com Eduardo Campos, companheiro de legenda.

Quinta-feira

Deputado convoca general para anunciar planos contra violência GEORGE SOARES PROTOCOLOU NA ASSEMBLEIA, REQUERIMENTO DE CONVOCAÇÃO DO GENERAL MONTEIRO, NOVO TITULAR DA SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA Heracles Dantas

JOAQUIM PINHEIRO REPÓRTER DE POLÍTICA

A falta de segurança e o consequente aumento da violência tem sido o assunto predominante nos debates das duas Casas Legislativas - Assembleia Legislativa e Câmara Municipal de Natal nos últimos dias. O deputado George Soares, do PR, protocolou requerimento convocando o novo secretário de Segurança Pública e Defesa Social, general Eliéser Monteiro, para anunciar seus planos para combater a violência no Rio Grande do Norte. Em aparte na Assembleia Legislativa o parlamentar citou casos de insegurança em todo o Estado e externou sua preocupação diante da gravidade do quadro. Walter Alves, deputado do PMDB, lembrou a aprovação de uma PEC de sua autoria obrigando o governo investir 9 por cento em segurança pública, que passará a ter validade a partir do orçamento deste ano. "O então secretário Aldair Rocha era bem intencionado, mas não conseguiu fazer um bom trabalho por falta de condições", disse Walter Alves, esperando que a partir do novo orçamento a situação da se-

Deputado George Soares defendeu ex-secretário Aldair da Rocha: “Bem intencionado” gurança melhore no Estado. O deputado Kelps Lima (SDD), afirmou que a Assembleia Legislativa tem obrigação de fiscalizar a

atuação do novo secretário de Segurança Pública para ver se a intenção do Governo Federal é apenas proteger a imagem da presidenta

Dilma Rousseff na Copa do Mundo resguardando apenas no entorno do Arena das Dunas e esquecendo o resto da população e os municípios do interior do Rio Grande do Norte. Para Kelps, ficou evidenciado que da forma como foi conduzida a troca de secretários de Segurança houve intervenção do Ministério da Justiça no Rio Grande do Norte com a preocupação de que a falta de segurança e os protestos durante os quatro jogos do mundial de futebol não maculem a imagem do Governo Federal. "O nosso temor é que o Governo Federal esteja se preocupando apenas com o entorno da Copa, a área turística e esquecendo o restante do Estado, as periferias, os municípios mais distantes e o setor da população que está padecendo com assassinatos, estupros, roubos e desassossego de toda a sorte", reclama o deputado do Solidariedade. Outros deputados, a exemplo de Márcia Maia, Nelter Queiroz, Gustavo Fernandes, Leonardo Nogueira e Hermano Morais, também se pronunciaram sobre o atual quadro de violência que atinge, não só a capital como vários municípios do Rio Grande do Norte.

Divulgação

Aumento da violência é tema frequente nos debates em sessões da Câmara DUPLA É TUCANA

Certo ainda não; bastante provável, sim. No PSDB, a solução está próxima do consenso: chapa puro-sangue para a Presidência da República. Formação com dois senadores: Aécio Neves, mineiro, e Aloysio Nunes Ferreira (foto), paulista. nnn São representantes no Parlamento dos dois maiores colégios eleitorais do país. Os dois estados somam 46,5 milhões de votantes, assim distribuídos: 1. São Paulo - 31,3 milhões; 2. Minas Gerais - 15,3 milhões.

PASSO À FRENTE

Anda preguiçosamente a fila da reforma ministerial (*). Ideli Salvatti (PT-SC) deve ser transferida de Relações Institucionais para Ciência e Tecnologia. O deputado Gastão Vieira (PMDB-MA) passa a pasta de Turismo a Ângelo Oswaldo Santos, curador de arte e ex-prefeito de Juiz de Fora (MG). O produtor rural Neri Geller, gaúcho de Selbach, assume a Agricultura, hoje com o deputado mineiro Antônio Andrade (PMDB). nnn (*) Cenário até o fechamento da coluna, às 10h03.

LEITURA DINÂMICA t Amanhã, em Curitiba, com a presença de Lula da Silva, o PT anuncia a candidatura da senadora Gleisi Hoffmann a governadora do Paraná. t Chega a quase US$ 100 bilhões o déficit da conta do turismo externo brasileiro. Período: 1990-2013. t Titular do Banco Central sob o governo Fernando Henrique Cardoso, Armínio Fraga usa o adjetivo 'esquizofrênica' ao opinar a respeito da política econômico-financeira da presidente Dilma Rousseff. A economia do país "está na faixa de alto risco", afirma o pessimista Fraga. t Madrugada desta quinta-feira, os vereadores de Campo Grande cassaram, por larga maioria, o mandato do prefeito Alcides Bernal (PP). O PMDB comandou a operação. t Dia 23, no Recife, o PTB

recebe o apoio oficial do PT à candidatura de Armando Monteiro, neto, ao governo de Pernambuco. Em contrapartida, fecha a dobradinha com João Paulo, deputado petista aspirante ao Senado. t O senador-presidente do PMDB, Valdir Raupp (RR), ligou para o celular do líder da sigla na Câmara. O deputado fluminense ouviu o constrangido interlocutor pedir-lhe desculpas pela declaração: "Eduardo Cunha não manda no partido." t É perturbador o silêncio de Fernando Bezerra (PMDB) sobre a sucessão da governadora Rosalba Ciarlini (DEM). t Para refletir: "Temos de sair do estigma de um país que só produz jogador de futebol, nelore gordo, soja em grão e rainha de bateria" (Jovane Nunes, jornalista brasileiro).

A exemplo dos deputados estaduais, vereadores de Natal também se mostram preocupados com o aumento da violência, principalmente na capital do Estado onde os índices de assaltos e mortes aumentam significativamente. Vereadores de todos os partidos ocupam a tribuna da Casa regularmente solicitando ações eficazes e imediatas do Poder Público para conter a violência que acontece indistintamente, em todos os bairros de Natal, considerada até pouco tempo como uma cidade ordeira e pacata. O vereador Adão Eridan, do PR, tem sido um dos mais contundentes na cobrança de ações eficazes, principalmente mudança na lei para punir infratores com rigor. Adão Eridan, inclusive, enca-

Wellington Rocha

minhou documento, através do presidente da Casa, à presidenta Dilma Rousseff, contendo sugestões para melhor a segurança pública e diminuir os índices de violência no País, em particular no Rio Grande do Norte. Ele sugere, por exemplo, que seja diminuída a maior idade de 18 para 16 anos, permitindo assim, que adolescentes sejam punidos por crimes praticados por jovens a partir dos 16 anos. Outro que defende mudanças no Código Penal é o vereador Luiz Almir, do PV. Apresentador de programa de TV e rádio, diariamente Luiz Almir recebe relatos de prática criminosa nos diversos bairros da capital. O vereador Sandro Pimentel, do Psol, disse recente pronunciamento, entender que o

Adão Eridan enviou documento com sugestões para melhor segurança pública combate à violência e ao crime é também atribuição do município, que segundo ele, dispõe de uma

Guarda Municipal praticamente inoperante e sem atribuições definidas. (JP)


Política

Quinta-feira

Natal, 13 de março de 2014

O Jornal de HOJE 5

Divulgação

Fábio Faria, Fátima Bezerra, a presidente Dilma, Henrique, Carlos Eduardo e Vicentinho no anúncio do PAC 2

PT de Fátima anuncia investimento de meio bilhão de reais na gestão de Carlos Eduardo DEPUTADA TENTA ATRAIR O PDT PARA A CHAPA COM PT E PSD POR MEIO DE RECURSOS FEDERAIS PARA A PREFEITURA ALEX VIANA REPÓRTER DE POLÍTICA

O prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT), está em Brasília onde, nesta quinta-feira, participou, pela manhã, de solenidade em que a presidente Dilma Rousseff, do PT, anunciou investimentos de mais de meio bilhão de reais na mobilidade urbana de Natal. São obras do PAC 2 que visam mitigar o problema dos congestionamentos que ocorrem hoje na capital, especialmente no trecho envolvendo a avenida Salgado Filho, que concentra o maior tráfego de veículos, especialmente em horário de pico. Ao todo, a capital potiguar vai receber nos próximos anos investimentos de R$ 577 milhões. Segundo a Prefeitura de Natal, um

dos projetos contempla a construção de túneis nos cruzamentos das Avenidas Salgado Filho/Bernardo Vieira; Salgado Filho/Antônio Basílio; Salgado Filho/Amintas Barros e Salgado Filho/Nascimento de Castro; duas passarelas na Avenida João Medeiros Filho, 1.052 abrigos de passageiros, quatro estações de transferência e quatro terminais de ônibus. Além disso, está prevista a implantação do sistema de corredores exclusivos para ônibus, conhecido como Bus Rapid Transit (BRT), que será integrado a ciclovias. O anuncio dos investimentos foi feito pela presidenta Dilma Rousseff, em solenidade no Palácio do Planalto, na qual prefeito de Natal, Carlos Eduardo, esteve presente. Quem esteve ao lado do prefeito também foi a deputada federal Fá-

tima Bezerra, pré-candidata do PT ao Senado Federal. Na oportunidade, Fátima ressaltou que este investimento em mobilidade foi uma luta encampada por ela desde o início do atual mandato. O montante de meio bilhão de reais a ser investido em Natal vem se somar aos quase R$ 2 bilhões que o governo federal já está investindo na capital, através dos PAC da Copa e da Mobilidade. "Esta foi uma luta que encampei desde o inicio do meu mandato. Fiz pronunciamento em nome de Natal e da Região Metropolitana. E este é mais um investimento importante para o nosso Estado, já que beneficia mais de metade do Rio Grande do Norte, uma vez que se insere não apenas em Natal, mas, também, na Região Metropolitana", afirmou a deputada.

Ela aponta que Natal está sendo contemplada, inclusive com a presença de Carlos Eduardo na manhã de hoje durante o anúncio. "São mais de R$ 500 milhões e o prefeito de Natal, Carlos Eduardo, vai ser contemplado", afirmou Fátima, que torce pelo reconhecimento e retribuição do prefeito ao PT da presidente Dilma no RN na forma de apoio dele ao palanque do PT no Estado. O prefeito tem preferido atribuir ao primo, o presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves, as conquistas anunciadas para o município. As obras de construção 1.052 abrigos de passageiros, das quatro estações de transferência e dos terminais de ônibus terão início ainda este ano, pois já estão com os projetos executivos prontos e compreendem recursos na ordem de

R$ 14 milhões. As demais intervenções, só possuem o anteprojeto e na solenidade o Governo Federal deve emitir a autorização para a Prefeitura de Natal começar a elaborar seus respectivos projetos executivos, o que deve durar entre 6 a 10 meses. O sistema de transporte coletivo da capital será totalmente informatizado com a instalação de GPS nos veículos, disposição de painéis eletrônicos nos abrigos de passageiros, além da disponibilização para os usuários das rotas percorridas pelos ônibus. Na Avenida Prudente de Morais, será instalada uma faixa semi-exclusiva de ônibus, já na Avenida Presidente Bandeira, no Alecrim, a faixa será exclusiva nos moldes da que existe na Bernardo Vieira. Esses corredores exclusivos

passarão a contar também com ciclovias. Na zona norte, a Prefeitura vai realizar melhorias na Avenida João Medeiros Filho e construir duas passarelas: uma na Avenida Paulistana e outra na Avenida Itapetinga. O terminal de integração de Soledade será ampliado para ser integrado ao sistema de trens que passa nas proximidades. Outro túnel será construído no cruzamento da Hermes da Fonseca/Alexandrino de Alencar. Essa obra já tem recursos garantidos na Caixa Econômica Federal e terá início no segundo semestre de 2014. Esse projeto foi aprovado dentro do PAC Mobilidade das Grandes Cidades. A construção dos túneis é um complemento da melhoria da infraestrutura de transporte com a construção do Complexo Viário de Natal.

> TROCA DE ACUSAÇÕES

Wilma de Faria afirma que Rosalba Ciarlini mentiu ao se referir ao empréstimo do Banco Mundial Wellington Rocha

Arquivo

ALEX VIANA REPÓRTER DE POLÍTICA

A vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria, afirmou que a governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini, mentiu ao se referir ao empréstimo de 540 milhões de dólares ao Banco Mundial. Ontem, no lançamento do "RN Sustentável", programa com os recursos oriundos do empréstimo, a governadora afirmou, segundo Wilma, que o repasse só foi autorizado este ano porque antes, na gestão de Wilma, a situação financeira do Estado não permitia. Wilma rebateu as declarações de Rosalba nas redes sociais. "Caros seguidores, a governadora Rosalba lançou ontem o programa 'RN Sustentável' informando inverdades que não podem ser aceitas. Rosalba disse ontem em Mossoró que o empréstimo com Banco Mundial só foi possível em 2014 porque antes a situação financeira do Estado não permitia. Faltou com a verdade. O empréstimo foi submetido à COFIEX, órgão que avalia a situação do estado para empréstimos, ainda no seu 1º ano de mandato", disse Wilma, explicando que o processo foi originado na gestão da democrata. Segundo Wilma, a autorização para contratar o empréstimo internacional só se deu um ano depois, em 2012, com Rosalba já estando à frente do governo há doze meses. "Autorização veio em janeiro de 201212, um ano depois dela assumir", disse a exgovernadora e pré-candidata do

Wilma afirmou que governadora mentiu e mostrou documentos pelo Twitter PSB ao Senado em parceria com o PMDB, ex-aliado do governo Rosalba Ciarlini. Segundo a viceprefeita de Natal, a prova está num documento da Procuradoria Geral da Fazenda, disponibilizado por ela no Twitter. "Acho que um governante tem que ter a responsabilidade pública da transparência e da verdade em seus atos e palavras", admoestou Wilma, ainda se utilizando das mídias digitais.

PROJETO Tido pelo governo Rosalba como "o maior projeto de desenvolvimento do Rio Grande do Norte", o RN Sustentável foi lançado pela governadora nesta terçafeira, em Mossoró, no Hotel Villa Oeste. A ação integrada de Desenvolvimento Sustentável do estado é um acordo entre o Banco Mundial e o governo do RN, por meio da Secretaria de Estado do Planejamento e das Finanças, para

Declaração de Rosalba Ciarlini foi dada durante evento do Governo em Mossoró ser investido em um conjunto de ações de sustentabilidade em diversos setores em todos os 167 municípios potiguares. A etapa desta terça-feira contempla a região Assu-Mossoró. A partir das demandas apresentadas pelo público alvo, foram destinados recursos para infraestrutura socioeconômica, tais como: novas estradas, incentivos turísticos, subprojetos produtivos e de acesso aos mercados para fortale-

cer as atividades produtivas regionais (caprinovinocultura, piscicultura, agricultura irrigada, apicultura, cajucultura, leite e derivados, artesanato, cultura e pequenos negócios); e ações de fortalecimento da governança local/territorial. Dentro do projeto, serão investidos recursos de forma complementar em ações de formação e capacitação dos diversos atores e beneficiários envolvidos na implementação; financiamento de

assistência técnica aos beneficiários dos subprojetos; realização de estudos, diagnósticos e elaboração de plano de negócios; divulgação e marketing de produtos e iniciativas apoiadas pelo RN Sustentável; eventos de mobilização e sensibilização dos atores; avaliação e acompanhamento pedagógico, entre outros. A governadora Rosalba Ciarlini, que esteve acompanhada de auxiliares do governo, ressaltou a importância do projeto que permitirá o desenvolvimento igualitário entre todas as regiões do RN, com foco nas suas vocações. A chefe do Executivo potiguar relembrou que a parceria firmada entre o Banco Mundial e o Governo do RN começou a ser construída quando ainda era senadora da República. "Lembro bem quando via os projetos de outros estados sendo aprovados pelo Banco Mundial e não havia nenhum para o RN. Quando assumi o Governo, quis adiantar essas ações para proporcionar um forte desenvolvimento do RN, mas ainda havia um grande problema. Encontrei o estado com grandes dívidas, sem capacidade de endividamento e sem credibilidade com as instituições bancárias. Para isso, passamos muito tempo organizando as nossas contas para conseguirmos pleitear ações ousadas como essa, indo aos Estados Unidos falar diretamente com o Banco Mundial, e dois anos depois conseguindo o maior projeto da história do RN", afirmou a governadora para o público que lotou o auditório do hotel.


8 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 13 de março de 2014

Quinta-feira

Morre Dosinho, o maior compositor potiguar de marchinhas carnavalescas Divulga;áo

AUTOR

DOS HINOS DE

FERNANDA SOUZA FERNANDASOUZAJH@GMAIL.COM

Já em coma, Dosinho morreu após complicações causadas por infecção generalizada

A cultura potiguar está de luto. Faleceu na manhã desta quintafeira (13), vítima de complicações causadas por uma infecção generalizada, Claudomiro Batista de Oliveira, o Dosinho, o maior compositor do carnaval potiguar e o principal compositor de frevos no Brasil, fora de Pernambuco. O artista, de 87 anos, nascido em Augusto Severo, hoje Campo Grande, no interior do Estado, já estava internado e em estado de coma há algumas semanas. Dosinho iniciou sua carreira no Rio de Janeiro, na década de 1940, época que trabalhou na Rádio Nacional e na Gravadora Copacabana. O potiguar, que era contemporâneo dos pernambucanos Capiba e Nelson Ferreira, já falecidos, gravou dezenas de discos e foi autor de sambas-canção, marchinhas carnavalescas, dos hinos de ABC,

AMÉRICA, ALECRIM

América e Alecrim, além de músicas para campanhas publicitárias, políticas. Seus principais sucessos foram as marchinhas "Não se faça de doido não", "Dólar na cueca", "Doido também apanha", "Carnaval com Bin Laden" e o clássico "Eu não vou, vão me levando', sucessos nas rádios do país na década de 1940, na interpretação da cantora Marlene, conhecidas até hoje. Artistas de renome nacional como Alceu Valença, Antônio Nóbrega e Agnaldo Rayol também gravaram suas composições. Há quatro anos, ele anunciou o fim das gravações, alegando falta de reconhecimento e prestígio em Natal. O último CD gravado, intitulado Carnaval de Ontem e de Hoje, foi uma compilação de antigos sucessos e cinco composições inéditas. O produtor cultural José Dias lamentou a partida do mais antigo compositor potiguar de marchinhas carnavalescas em atividade.

E

ABC

FALECEU AOS

"Dosinho foi o compositor mais importante para o Carnaval e principalmente, o tradicional, de Pernambuco, que ele era muito ligado. Mas não é porque o carnaval de Pernambuco não tem uma visibilidade nacional, que isso significa dizer que ele não tenha sido um dos grandes nomes do Carnaval do Brasil. Infelizmente não houve a repercussão que o trabalho dele merecia. Acredito que o maior mérito de Dosinho é que o disco comemorativo dos 100 anos de frevo tem uma música dele. Outro momento grandioso para Dosinho foi que no "Asas da América", que é um projeto de resgate do frevo de Pernambuco entre os anos de 1970 e 1990, dos cinco discos que trazem nomes grandes do frevo mais moderno, aparece nomes como Alceu Valença e Dosinho, com uma música com a leitura de Silvério Pessoa", contou. O artista, coreógrafo e chefe do Núcleo de Danças de Natal,

87

ANOS

Dimas Carlos, lembrou o caráter poético das marchas carnavalescas do músico potiguar. "Acredito que Dosinho é aquele poeta que traduz a saudade, o conhecimento. Uma pessoa que poeticamente nunca deixou a desejar em suas canções. Suas músicas nos levam a cantar, se emocionar e vibrar. Suas canções, que não estão tão próximas do que é o carnaval de hoje, se perpetuam pelo lado poético. Mas é importante destacar que a valorização do artista tem que ser dada em vida. O que Natal tem de bom não se reconhece, só quando as pessoas morrem. A cidade é quem faz o artista da cidade. Pernambuco adora Ariano Suassuna, Capiba é um representante único. É preciso o apoio e a valorização em vida". O velório de Dosinho está marcado para às 13h, no cemitério Morada da Paz, em Emaús, Parnamirim, e sepultamento previsto para às 17h.

> MACONHA

Reitora reforça que debate não é sobre legalização dentro da UFRN Após a legalização do uso e comercialização da maconha no Uruguai e nos estados americanos do Colorado e Washington, o debate em torno de uma nova regulamentação no Brasil esquentou. Se nas ruas o tema encontra a aprovação de alguns segmentos da sociedade, na comunidade acadêmica ele chega a dividir opiniões. A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abriu espaço para a discussão e, durante toda esta semana, através da realização do V Ciclo de Debates Antiproibicionistas, está levantando o tema com a participação de professores, alunos, advogados e políticos. Procurada pela reportagem d'O Jornal de Hoje, Ângela Paiva, atual reitora da instituição, comentou sobre o assunto. "Considero esse debate um avanço em nossa sociedade, pois vários países no mundo já estão discutindo essa temática. As universidades fazem estudos e debates sobre temas de interesse da sociedade da qual fazem parte e que as financiam. Há avanços principalmente quando se compreende mais profundamente um assunto", destacou. Questionada sobre como avalia a legalização da maconha dentro da universidade, a reitora reforça que o debate promovido através do Ciclo de Debates Antiproibicionistas "não

Wellington Rocha

Segundo Ângela Paiva, a Universidade segue as leis vigentes no país e se novas foram aprovadas, a UFRN se adequará a elas é sobre a legalização da maconha dentro da UFRN". "A nossa Universidade é uma instituição que integra o sistema educacional brasileiro, no qual vigem as leis brasileiras. A legalização discutida neste Ciclo de Debates é no contexto nacional. Se novas leis forem aprovadas, a

Universidade se adequará a elas", comentou Ângela Paiva. A UFRN informou que desenvolve programas de apoio a usuários de qualquer tipo de drogas, lícitas ou ilícitas, campanhas de prevenção e ações de aconselhamento por parte dos grupos de psicólo-

gos, assistentes sociais, entre outros atendimentos profissionais dos setores competentes - atividades que podem fortalecer os atendimentos assistenciais aos usuários de drogas. Para o ex-reitor Ivonildo Rêgo, que hoje comanda o Metrópole Di-

gital, projeto da UFRN, a Universidade tem obrigação de debater todas as questões que envolva o mundo das drogas, desde que utilize a "razão e o conhecimento científico". "Acho muito válida essa discussão, porém é necessário que haja um debate sem paixões, sem posicionamentos oficiais, utilizando a razão e principalmente o conhecimento científico", afirmou. Rêgo ainda destaca que, por se tratar de um centro de formação acadêmica, a Universidade Federal do Rio Grande do Norte deve saber trabalhar a possível legalização da maconha de maneira educativa. "Se vier a legalização, a Universidade deve saber se adequar, contribuindo para que a nova legislação se adeque à realidade do país", disse. "É preciso lembrar que ao falarmos em Universidade, estamos tratando de um corpo heterogêneo - com servidores, professores e estudantes. Enquanto instituição, a UFRN não pode ter uma posição a favor ou contra o uso das drogas. Mas a sua comunidade deve saber se posicionar sobre essa questão, de acordo com sua posição perante a sociedade". O Jornal de Hoje também escutou o advogado e escritor Diógenes da Cunha Lima, que já ocupou a mesma cadeira de reitor hoje comandada pela professora Ângela

Paiva. Com a mesma linha de raciocínio dos reitores mencionados, ele se posicionou favorável à discussão, tendo em vista que, em um campus universitário, a oportunidade de debate sobre quaisquer temas deve ser obrigatória. "Eu não tenho conhecimento científico sobre esse caso específico do uso da maconha, mas sou favorável ao diálogo, ao debate de ideias e posicionamentos. Há uma grande diferença em falarmos sobre a legalização da maconha no contexto do fumante e a legalização no contexto do traficante, por exemplo. Acredito que a intenção da Universidade e de toda a sociedade é trabalhar esse primeiro contexto. No meu entendimento, o fumante está ali como uma opção de vida", explica. O advogado se disse preocupado com o rumo do debate sobre a legalização da maconha em uma situação. "Temo que o debate sobre a maconha possa abrir discussões sobre o uso de drogas mais pesadas, como o ecstasy, a cocaína e o crack. Essas são drogas que estão matando o nosso país como um todo. Toda instituição educacional tem que se preocupar em formar pessoas rígidas mentalmente e fisicamente. Aquilo que destrói precisa ser combatido. Mas o que constrói, exaltado", concluiu.

> EDUCAÇÃO ESTADUAL

“Greve continua até que projeto saia do gabinete do marido de Rosalba” Os três projetos relativos à pauta dos professores que foram aprovados terça-feira (11) pela Assembleia Legislativa não foram suficientes para convencer os educadores da rede estadual a voltarem às salas de aula. De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Rio Grande do Norte (Sinte/RN), a continuidade da greve dos professores - definida em assembleia na tarde de ontem - é justificada pela falta do envio do Projeto de Lei 322 que trata da promoção da Letra desses profissionais. O Sindicato disse estar disposto a manter a paralisação até que o projeto saia do Gabinete Civil, onde se encontra atualmente, e vá para votação em caráter de urgência na Assembleia Legislativa. "Na tarde de terça-feira estivemos em Mossoró, onde a governadora Rosalba Ciarlini esteve presente para participar de um evento sobre o programa RN Sustentável. Lá, ela nos recebeu rapidamente e disse que esse projeto de promoção da Letra já tinha seguido para a Assembleia. Ligamos para confirmar e não era verdade. A nossa greve continua até que o projeto saia do gabinete do mari-

Wellington Rocha

Fátima Cardoso critica demora do governo em protocolar projetos da Educação na AL do de Rosalba", informou Fátima Cardoso, coordenadora-geral do Sinte, se referindo ao chefe do Gabinete Civil, Carlos Augusto Rosado. A categoria pleiteava a aprovação de cinco projetos em benefício à educação estadual. Desses, foram votados e aprovados por unanimidade dos parlamentares o projeto que concede progressão a servidores públicos da Secretaria de Educação e Cultura (Seec) que ocupam cargos efetivo de professor e de especialista de Educação; o que

estabelece novos critérios para a classificação das escolas da rede estadual; e o projeto que irá reajustar os vencimentos básicos dos cargos de professor e de especialista em 8,32%. "Todos eles são de grande importância para nós e, por isso, agradecemos o empenho e dedicação dos deputados. Mas é imprescindível que o Projeto de Lei 322 também seja aprovado. Enquanto ele não for protocolado na Assembleia Legislativa, continuaremos em paralisação", disse Cardoso.

GOVERNO RECORRERÁ DA DECISÃO SOBRE CORTE DOS PONTOS Na manhã de ontem, o desembargador Expedito Ferreira, do Tribunal de Justiça, determinou um prazo de cinco dias para reembolso, em folha suplementar, dos valores descontados dos salários de 787 professores grevistas, na folha de fevereiro. A sentença também proibiu o desconto nos salários dos profissionais em educação que estão em greve neste mês de março. Caso o Governo do Estado não cumpra a determinação da Justiça, a Secretária de Educação e da Cultura, Betânia Ramalho, terá que pagar do próprio bolso multa diária no valor de R$ 1 mil. Nesta quinta-feira (13), a secretária confirmou a O Jornal de Hoje que o Governo recorrerá à decisão. O procurador-geral do Estado, Miguel Josino, disse que apesar de o Governo reconhecer a ilegalidade da greve, "não será preciso entrar com um processo judicial". "Não iremos judicializar. Apenas recorremos à decisão do TJRN, inicialmente ao próprio Tribunal, e depois entraremos com um recurso no Supremo Tribunal Federal (STF)", destacou. CMYK


Cultura

Quinta-feira

Natal, 13 de março de 2014

O Jornal de HOJE 9

Ulysses Freire

CINEMA CONTRA O PRECONCEITO

CURTAS

ccpsilva@hotmail.com

LIVROS INFANTIS Hoje começa a Book Lovers Kids, feira de livros infantis e infantojuvenis no Natal Shopping (praça de eventos). São mais de três mil títulos, com preços acessíveis, à espera dos pais. Abra sua carteira e faça boas aquisições para seu filho fugir do domínio de celulares e computadores. Aproveite e veja as apresentações especiais e acompanhe a contação de histórias que a organização armou para os pequenos. A feira ficará aberta até dia 11 de abril.

RICARDO PIGLIA Para os fãs do escritor argentino, vale se ligar no próximo dia 26. É para quando a Companhia das Letras anuncia o lançamento de seu novo livro “O caminho de Ida”. A história de um professor recémchegado em uma universidade americana para ministrar palestras sobre um escritor de língua inglesa que fez sucesso na Argentina, à convite da diretora do departamen-

Estudantes assistem 12 Anos de Escravidão, vencedor do Oscar 2014 de Melhor Filme, como reflexão sobre diferenças étnicas e culturais

to, morta em condições misteriosas, reconduz Piglia às tramas policiais, agora acompanhadas da política e violência americana.

CONRADO CARLOS EDITOR DE CULTURA

Você está acostumado a ouvir piadas e xingamentos contra negros. Aliás, você conhece seres que dizem detestá-los, como a senhora (branca) que, na semana passada, entrou em uma farmácia em São Paulo, em plena avenida Paulista, e disse, primeiro, que queria ser atendida por alguém “da minha cor”. Insatisfeita, ela que, minutos antes, tinha chamado um porteiro de “macaco” e o mandou “voltar para a selva”, soltou, em direção a três pessoas, todos os demônios represados desde que uma princesa chamada Isabel assinou a tal da Lei Áurea: "Macaca, eu não gosto de negro; negro é imundo; a entrada de negros no shopping deveria ser proibida; odeio negros, negros são favelados”. Estas ignomínias reunidas em um único parágrafo são chocantes, mas comuns. Quase sempre, os futuros ‘nazifascistas’são forjados durante o

processo educacional, na infância e na adolescência. Portanto, o papel da escola, como hospedaria intelectual de boa parte do dia de um jovem, ganha relevo a cada geração. Na tarde de ontem (12), alunos do Overdose Colégio e Curso foram confrontados com mais de duas horas de reflexão sobre o tema Preconceito Racial - ideia refutada por alguns pensadores, porém enraizada em um país que costuma vangloriar-se de sua miscigenação harmônica. Acompanhados por professores, meninos e meninas de nove turmas do Ensino Médio foram conduzidos ao Cinemark para uma sessão do filme 12 Anos de Escravidão, de Steve McQueen, vencedor de três Oscars, dentre os quais Melhor Filme e Roteiro Adaptado. O filme foi inspirado no livro homônimo, escrito há mais de 160 anos pelo próprio Solomon Northup, negro escravizado à força, após ser sequestrado no norte do país. A ação multidisciplinar proposta pela esco-

la quis germinar entre os alunos a ideia de igualdade, ao utilizar a arte como mola-mestre para um debate mais amplo, que envolve uma rede de cidadãos responsáveis por parte da futura estrutura social. “O papel de escola deve ter amplitude máxima na educação desses jovens. Tanto na temática do racismo, como na homofobia, juntamos as disciplinas de redação, história, geografia, física, sociologia e filosofia para trazermos essa discussão”, confirma Carlos André, professor e sócio-proprietário do Overdose, e também idealizador do projeto de unir cinema e respeito ao próximo e às leis em uma atividade extrassala. Tudo começou com outro filme, cujo foco é o preconceito com a cor da pele. Após um episódio brutal que envolveu estupro da mãe e assassinato do pai, o jovem negro Eugene Allen é adotado por uma distinta senhora branca, que o transforma num especialista do bem servir. Até que ele ganha a oportunida-

de de trabalhar para o Presidente dos Estados Unidos e vira O Mordomo da Casa Branca (2013). Carlos André queria iniciar o projeto com esse filme, mas um velho problema do mercado das salas natalenses alterou seus planos. “Ele não passou aqui”. Com a vitória no Oscar, 12 Anos de Escravidão surgiu como substituto imediato. “Ao longo do ano, vamos trazer os alunos para outras sessões, ‘linkando’ com todas as matérias”. A sala cheia foi a comprovação do interesse dos discentes. “Para você ter ideia do sucesso do projeto, as turmas que não vieram, como as do cursinho, reclamaram tanto que tivemos de inseri-los também, para as próximas vezes. Não tivemos como trazê-los para ver O Mordomo [da Casa Branca] aqui, mas vamos passá-lo na escola. E, para o ano que vem, queremos fazer o Ano de Mandela, em homenagem ao líder sul-africano”. Mais que religião e às próprias disciplinas lecionadas,

a arte tem um poder moderador e difusor de pensamentos sem igual. Hipervalorização ou retrato fiel da realidade, ela tem a capacidade de extrair o máximo de percepção no interlocutor. Assim pensa Daivid Luan, de 17 anos, aluno do 3º ano. Natural de Currais Novos, ele mesmo afirma ser fruto de uma engenharia social, através do esforço da mãe bancária, que o fez abandonar uma vida humilde no interior para estudar na capital. “A cultura é a parte espiritual do ser humano. Sem arte, somos como um computador cheio de informação, mas sem sabermos interpretá-las. A proposta de virmos assistir a um filme como 12 Anos de Escravidão merece parabéns. Nos faz ver como temos que mudar individualmente para o coletivo funcionar. O primeiro passo para a mudança é o estranhamento, vermos o quanto revoltante é o preconceito. De qualquer espécie. Todas as classes são iguais. Aliás, não existe classe, existe ser humano”.

ESPECIAIS Se você é daqueles que iniciam a farra logo na quinta-feira, saiba que a Pink Elephant preparou uma noite interessante para fãs de música pop. A partir das 22 horas, a banda D’Vibe interpretará sucessos do Maroon 5 e de Bruno Mars, o filipino que rivaliza com Justin Timberlake pelo centro de atual rei do gênero. E ainda tem a eletrônica com DJ Residente. Ingresso: R$ 25,00. Valor revertido em consumo (até 00h) para quem mandar o nome para o e-mail: listaquinta@pinknatal.com.br.

MANIFESTO SOLAR “O sol é meu manifesto", de François de Oliveira Ferreira, será lançado na próxima sexta-feira, 14/03, às 19h, na Saraiva do Shopping Midway Mall. Segundo a assessoria, o livro apresenta um imaginário poético marcado pela experiência do cotidiano, pela atitude combativa diante da vida e pelas imagens principalmente do litoral do Nordeste - daí, segundo o autor, a escolha do sol como metáfora-chave do seu universo. Mais informações: (84) 9431-4842 e (84) 8826-9565.

REVISTA GRANDE PONTO A terceira edição da Revista Grande Ponto será lançada nesta sexta-feira, 14, às 18h, durante as comemorações do Dia Nacional da Poesia, na Pinacoteca do Estado, no Centro Histórico de Natal. A publicação que vem contanto um pouco da História de Natal enfoca vários assuntos importantes da cidade, dentre os quais um novo capítulo sobre a instalação da base americana em Natal durante a Segunda Guerra e a história dos 86 anos do Aeroclube.

CMYK


10 O Jornal de HOJE

Natal, 13 de março de 2014

Cidade

Quinta-feira

Associação de Magistrados do Brasil: delegacia em Macau é “degradante” Sinpol/Divulgação

DEZESSETE PRESOS ESTAVAM AMARRADOS NO CORREDOR POR FALTA DE VAGAS DIEGO HERVANI REPÓRTER

Nesta quinta-feira (13) a Comissão de Direitos Humanos da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) divulgou nota lamentando a situação crítica da Delegacia de Macau, na região salineira do Rio Grande do Norte. Na última terça (11), o Sindicato dos Policiais Civis do Rio Grande do Norte (Sinpol-RN) denunciou que 17 presos, entre eles três mulheres, uma delas grávida e outra amamentando, estavam amarrados com cordas nos corredores da DP devido a falta de vagas. Na nota, que ganhou repercussão no site da Folha de São Paulo, a AMB não poupou críticas ao ocorrido. "A situação é extremamente degradante e fere a dignidade desses cidadãos, cuja integridade física e moral são de responsabilidade do Estado brasileiro", afirma Ricardo de Araújo Barreto, Vice-presidente de Direitos Huma-

nos da AMB. A Associação ainda disse que "reafirma seu compromisso institucional de preservar os direitos e garantias individuais e coletivas e a disposição permanente da magistratura brasileira no combate à impunidade e qualquer tipo de violação legal". A AMB ainda afirmou que "continuará envidando esforços junto ao Executivo para que cumpra seu dever constitucional de guarda e custódia dos presos em condições não degradantes". Ontem os 17 presos foram transferidos para Natal, Mossoró, Parnamirim, Caraúbas e Caicó. De acordo com a Coordenadoria de Administração Penitenciária do RN (Coape), o que aconteceu foi uma falha de comunicação. "Os policiais só vieram nos comunicar da relação completa dos presos na tarde de ontem (terçafeira) por volta das 13h30. E logo depois nós autorizamos o recebimento deles em outros municípios.

Se essa relação tivesse nos sido enviada desde a chegada dos presos, isso não teria acontecido", destacou o major Castelo Branco, coordenador da Coape em entrevista ao Jornal de Hoje. O caso já havia ganhado repercussão nacional, sendo inclusive uma das principais matérias veiculadas no Jornal Nacional da última terça-feira (11). A portaria que determinava que apenas as DPs fossem responsáveis pela custódia dos presos durante os plantões e finais de semana também já foi revogada. O fato trouxe preocupação para o major Castelo Branco, que afirmou a falta de vagas no sistema penitenciário do RN, hoje com um déficit de 2,5 mil. "A portaria era simplesmente para que as DPS ficassem com os presos nos plantões e fins de semana. O que fazíamos era buscar vagas nas penitenciárias para receber esses presos. Muitas vezes as vagas surgiam com determinação de juízes para soltar esses presos. O

> INOCENTE

que agora vai acontecer é que todos os presos serão destinados para os presídios e não vai ter vaga, o que vai criar outro problema". A vice-presidente do Sinpol, Renata Pimenta, disse que o órgão buscou a Justiça e o Ministério Público para denunciar a situação encontrada em Macau. “Os policiais não poderiam continuar trabalhando com uma delegacia cheia de presos e ainda mais em um corredor, sem nenhuma segurança”, disse. O promotor Eugênio Carvalho foi até a delegacia e levou um Termo de Ajustamento de Conduta que estabelece que aquela unidade, cuja carceragem é um Centro de Detenção Provisória de responsabilidade da Sejuc, não pode ultrapassar o limite de 30 presos. Como a carceragem já alcançou o limite, a partir de agora, todos os autuados em Macau serão levados para o Centro de Triagem da avenida Ayrton Senna, em Pirangi, Natal. “Esperamos que situações

Renata Pimental, do Sinpol: “Esperamos que situações como essa não se repitam” como essa não se repitam e que policiais civis não precisem passar novamente por esse tipo de

constrangimento que, aliás, foi destaque em toda a imprensa nacional”, completa Renata Pimenta.

> DECISÃO DA JUSTIÇA

Tribunal de Justiça absolve juiz Delegada Kalina Leite deverá ser e ex-delegado Maurílio Pinto nomeada interventora da Fundac Em julgamento no Pleno do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, realizado nesta quarta-feira (12), os desembargadores decidiram por unanimidade rejeitar a ação civil penal que tinha como réus o ex-delegado de Polícia Civil, Maurílio Pinto de Medeiros, e o juiz Carlos Adel Teixeira de Souza. O processo envolvia denúncias sobre possíveis interceptações telefônicas ilegais, que ocorreram entre agosto de 2003 e março de 2007. O Ministério Público sustentou a acusação com base na lei nº 9.296/96, que regulamenta o uso de interceptações telefônicas para investigação criminal. De acordo com os autos, o juiz Carlos Adel “deferiu centenas de solicitações de interceptações telefônicas feitas por Maurílio Pinto”, resultando na expedição de 536 ofícios dirigidos às operadoras de telefonia celular, com a subsequente quebra do sigilo de 1.864 linhas telefônicas. O relator do processo, o desembargador Cláudio Santos, invalidou as acusações do Ministério Público, pois entendeu que não houve ne-

Wellington Rocha

Maurílio Pinto de Medeiros foi acusado de interceptações telefônicas irregulares nhum descumprimento às normas legais de autorização judicial. Além disso, para ele o juiz e policial não buscaram vantagens pessoais ou ilícitas na obtenção das escutas telefônicas. “Os fins eram estritamente investigativos. O magistrado jamais poderia cometer o crime de conceder ofícios sem autorização judicial. Afinal, ele é autoridade judicial”, explicou.

Sobre as requisições feitas pelo delegado Maurílio Pinto, então subsecretário estadual da Segurança Pública e da Defesa Social, ao juiz Carlos Adel, o relator enfatizou ser esta a sua função. “Se não foi de maneira formal, o que demora bastante, de todo modo convergiu para a resolução de casos que constituíam ações penais graves, de interesse público”, ressaltou Cláudio Santos.

O juiz da 3ª Vara da Infância e da Juventude de Natal, Homero Lechner, decidiu atender a um pedido feito pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte, no final de fevereiro em face de inúmeros problemas estruturais e gerenciais registrados em unidades do sistema socioeducativo do Estado e determinou que a governadora Rosalba Ciarlini tem dez dias para nomear como interventora judicial da Fundação Estadual da Criança e do Adolescente do Rio Grande do Norte (FUNDAC), a delegada de Polícia Civil, Kalina Leite Gonçalves. Segundo a decisão do magistrado, a interventora irá atuar à frente da instituição pelo prazo de 180 dias, que poderá ser prorrogado caso seja necessário. Também foi determinada a pronta exoneração do atual presidente da fundação, José Edilberto de Almeida. O juiz fixou pena de multa diária caso sua decisão seja descumprida no valor de R$ 10 mil, além da impetração do crime de desobediência previsto no artigo 330, do Código Penal. Homero Lechner ainda expli-

Heracles Dantas

Delegada Kalina Leite é a escolhida pela Justiça para comandar a Fundac cou que estará dotada de amplos poderes para gerir a entidade, em substituição ao atual gestor, e se necessário deverá adotar as medidas amplas relativas à gestão de recursos humanos, investimentos em estrutura física, aquisição de materiais, realização de atividades socioeducativas e contratação de

empresa de consultoria. De acordo com o Ministério Público, a situação dos centros de educação dos jovens infratores (Ceducs) é tão preocupante que o órgão promove ações judiciais contra todos os Ceducs, relacionadas à reestruturação necessária para absorver os adolescentes.

> ATRÁS DAS GRADES

Suspeitos pela morte de taxista espanhol são presos em Parnamirim Degepol/Divulgação

Nadson Natan Santos Couto, 18 anos, é um dos suspeitos de praticar o crime

Foram presos na manhã desta quinta-feira (13), dois suspeitos de terem participado da morte do taxista espanhol Estevam Mir Casamiquela, de 48 anos, no dia 15 de dezembro do ano passado na localidade de Pium, em Parnamirim, na Grande Natal. De acordo com o delegado Frank Albuquerque, titular de 2ª DP de Parnamirim, Nadson Natan Santos Couto e João Vitor Pinto de Oliveira, ambos de 18 anos, estavam em suas casas quando foram surpreendidos por policiais esta manhã. "Descobrimos que esses dois estavam em Pium, em Parnamirim. Pedimos o mandado de prisão para os dois e então efetuamos

as prisões. Eles estavam dentro de suas casas nas proximidades da Penitenciária Estadual de Alcaçuz", explicou. Com os dois, foram apreendidos munições, uma pequena quantidade de maconha, além de um revólver. Ambos negam o crime. Estevam Mir foi assassinado com um tiro. Segundo as investigações, três homens pegaram uma corrida com o taxista em 15 de dezembro de 2013 na praia de Pirangi do Sul e foram com destino a Pium, quando mataram o espanhol. "Os três homens seguiram com a vítima no táxi até Pium. Pelo que apuramos um deles estava com a arma nas costas do taxista e o revólver dispa-

rou quando eles passaram por algum buraco ou quebra molas", frisou Frank Albuquerque. Um terceiro suspeito de ter participado da morte de Mir foi morto em janeiro deste ano, na cidade de Canguaretama. Além de ser suspeito do assassinato de Estevam Mir, Nadson Natan Santos Couto também é apontado como um dos responsáveis pela morte da menina Letícia Marcelino, de 6 anos, que morreu no dia 26 de fevereiro após ser atingida por um tiro na cabeça durante uma tentativa de assalto que também aconteceu em Parnamirim. No último dia 6 de março, dois homens já haviam sido presos por também serem suspeitos de partici-

par da morte da menina. Além disso, na fuga, eles teriam atropelado e matado pai e filho (de oito anos) em São José do Mipibu. Os suspeitos, identificados como Alexandro Barbosa e Arthur Mateus, foram detidos no município de Santo Antônio, que fica no Agreste do Rio Grande do Norte. "Eles roubaram um carro em Natal e depois foram para Brejinho. Lá, fizeram um assalto em uma residência e fugiram para Santo Antônio. Lá largaram o carro e entraram em outra casa. A polícia estava atrás deles e houve troca de tiros até que eles se renderam", destacou o major Tavares, coordenador do 8º Batalhão da Polícia Militar.


Cidade

Quinta-feira

Natal, 13 de março de 2014

O Jornal de HOJE 11

Alex Medeiros alex.medeiros1959@uol.com.br

ZIRALDO

Frevo FC para Dosinho

para ele para reforçar o pedido de adiamento da votação do Marco Civil da Internet". (Vera Magalhães)

Uma boa notícia na cena carioca. Falei terça-feira com Ivone, a dileta secretária do cartunista Ziraldo, lá no estúdio da Lagoa. Apesar de debilitado ainda pelo susto em Frankfurt, o gênio de Caratinga já está retomando a prancheta do trabalho diário.

Dosinho cantor do povo dos frevos das multidões nunca serás esquecido te teremos nas canções és o orgulho da cultura potiguar tua música é o legado pra sua gente cantar

MARIA ESCANDALOSA

A ministra dos Direitos Humanos, Maria do Rosário, aquela que tem peninha de bandido, enfiou 12 assessores num jato da FAB durante o carnaval e foi para Canoas-RS, onde nasceu. Lá, a doutora petista desfilou em duas escolas de samba.

CHAPA DA ALIANÇA

Duas semanas após o garibaldista Cid Montenegro exigir publicamente uma posição firme de Henrique Alves (em matéria aqui no JH), o deputado Nelter Queiroz opinou opinando sobre a chapa. Com Henrique governador, Wilma senadora e João Maia vice.

Toca um frevo aqui outro frevo ali a turma pula na praia e na praça vai dançar o carnaval natalense é aquecido nas marchinhas de Dosinho o poeta mais querido

ACESSO AEROPORTO

A um mês da data divulgada para inauguração do Aeroporto Aluizio Alves, o DER ainda sequer fez a desapropriação das áreas em Macaíba e São Gonçalo que formarão os eixos de acesso pelas duas cidades até o grande terminal de padrão internacional.

DEFINIÇÃO

Há muito mais do que o prazo de desincompatibilização de alguns para que o PMDB se defina. Henrique e os muitos partidos que o seguem esperam notícias da Justiça no âmbito de Brasília sobre a situação institucional e eleitoral de Rosalba Ciarlini.

ABSURDO

Usuários de contas pré-pagas da operadora Oi reclamam que a empresa está descontando o uso da internet mesmo quando os aparelhos telefônicos são utilizados em ambientes com redes wi-fi. Os créditos se consomem com navegação e aplicativos.

AFASTAMENTO

O wiphurra ao nosso bom torcedor que aos nossos clubes honrou com a alma e o coração Dosinho é ABC, é América e Alecrim cada hino é um pedaço de um amor que não tem fim

Há muita gente acreditando que a governadora ainda será defenestrada por ordem judicial, liberando a cadeira para o vice Robinson Faria (PSD). E se ele assumir, haverá uma mudança de rumo e azimute nas composições e costuras partidárias do RN.

MACONHA

Não há intervalos tão largos entre uma besteira e uma baboseira paridas no ventre da UFRN, sem falar de alguns docentes turistando o intelecto por aí em nome do estudo. Com o debate sobre uso de maconha, o lugar passa a ser território do Uruguai, né?

DÍVIDAS

A jornalista Vera Magalhães, da Folha de S. Paulo, publicou hoje um mapa dos seis governos onde mais pesam no orçamento os precatórios. Três do PT: na cidade de São Paulo (Haddad), no Rio Grande do Sul (Tarso Genro) e no Distrito Federal (Agnelo).

Toca um frevo aqui outro frevo ali a turma pula na praia e na praça vai dançar o carnaval natalense é aquecido nas marchinhas de Dosinho o poeta mais querido

NEYMAR

A iniciativa de um parlamentar do PDT pedindo ao Conar a proibição do filme do Guaraná Antarctica com o jogador Neymar é mais uma contraprova de como o Brasil virou um país ranzinza e mauhumorado, culpa da subcultura do politicamente correto.

NA COLUNA PAINEL "O governo, que tinha decidido 'isolar' Cunha, mudou de atitude ontem, após a derrota da véspera. O ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) ligou

Somos Dosinho e temos orgulho de ser Porque seu frevo foi sempre o melhor Simbologia maior do nosso carnaval Dosinho, uma marca do povo de Natal

SELEÇÕES DE RAÇA

Toca um frevo aqui outro frevo ali a turma pula na praia e na praça vai dançar o carnaval natalense é aquecido nas marchinhas de Dosinho o poeta mais querido.

O site belga especializado em animais, www.lifeonwhite.com, montou uma bela relação das raças de cães e seus países de origens, exibindo e vendendo pôsteres com cada cachorro vestido na camisa da seleção de referência. Na imagem, 16 das 32 que virão à Copa do Brasil.

Danilo Sá jornalistadanilo@hotmail.com / danilo.sa@folha.com.br / Twitter: @DaniloSa

Caiu um Boeing no RN

Arte: Flávio Ricardo

ESTRANHO

O lançamento dos editais do programa RN Sustentável em Mossoró foi decepcionante para a governadora Rosalba Ciarlini. Bem menos público que o esperado compareceu a solenidade, com ausências sentidas dos liderados da prefeita afastada da cidade, Claudia Regina, o que só aumenta as especulações sobre o desentendimento entre as duas. O que é que tá havendo?

DISPUTA

O mundo ainda está estarre- mais a atenção de ninguém. Por cido com o desaparecimento de aqui, já virou rotina. Muitos, seum avião da Malaysia Airlines, quer, chegam a ser investigados com 239 passageiros a bordo. pela Polícia, diante da falta de Há quase uma semana, autori- pessoal suficiente para apurar dades de várias partes do mundo tantos crimes ao mesmo tempo. se questionam sobre o que aconUma triste realidade que, de teceu com a aeronave, e as bus- certa forma e guardadas as suas cas são mantidas a todo o vapor devidas proporções, se repete em na esperança de encontrar algum todos os demais Estados do país. vestígio do provável São dezenas de acidente. aviões, lotados com Mas, o que pou- Sem investimentos e passageiros, condecos perceberam, é prioridade por parte nados a morte da que no Rio Grande forma mais violendo poder público, do Norte também ta possível, sem caiu um Boeing em estaremos fadados a qualquer direito a 2014. Pior. A tendên- assistir a queda de luta pela sobrevicia é que caiam pelo vência. menos mais alguns dezenas de Boeings Está na hora da nos próximos meses, todos os anos. sociedade buscar repetindo a triste esavanços no setor da tatística do ano passegurança pública, sado. Pois é, o Estado já ultra- uma área básica para o bom conpassou a marca dos 300 mortos vívio de qualquer população. Sem nesta temporada, e ainda esta- investimentos e prioridade por mos chegando na metade de parte do poder público, o RN e, março. porque não, o Brasil, estarão faAo contrário do acidente ci- dados a assistirem, de braços crutado no primeiro parágrafo, os zados, a queda de dezenas de dados potiguares não chamam Boeings todos os anos.

Propositadamente ou não, a governadora chamou o prefeito em exercício, Silveira Júnior, de interino. As eleições suplementares para o município já estão agendadas. A imprensa mossoroense, inclusive, insistiu na tentativa de descobrir o nome que será apoiado pela Rosa no pleito, mas, por enquanto, nada está definido. Nas bolsas de apostas, crescem as chances da secretária Kátia Pinto.

ÂNIMO

Já em Pau dos Ferros, onde houve o segundo lançamento do programa, o evento foi considerado um sucesso, e animou os mais próximos a Rosalba. Populares, lideranças e vários prefeitos da região se reuniram para prestigiar a governadora. E, ao final dos discursos, muitas palmas para os presentes.

DECEPÇÃO

Por falar na Rosa, a forma como o ex-secretário Aldair da Rocha se despediu do cargo não agradou em nada a governadora. A avaliação feita é que a indisposição da gestora com os deputados Ezequiel Ferreira e Ricardo Motta, na articulação para colocar o ex-auxiliar no comando do PTB, não teria valido tanto à pena. Mas, Aldair se esquece que é presidente do partido por comissão provisória, e pode perder a legenda a qualquer momento.

Gira Mundo Divulgação

O papa Francisco completa hoje seu primeiro ano no comando da Igreja Católica, sendo apontado como principal responsável pela retomada do crescimento do catolicismo em todo o mundo. O carisma do argentino, caracterísitca mais marcante desde sua escolha para suceder Bento XVI, pelo visto, vem dando resultado. Exemplo maior, sem dúvida, foi sua passagem pelo Brasil em 2013, quando milhares de pessoas se aglomeraram nas ruas do Rio de Janeiro para ter a oportunidade de se aproximar do papa. É a força da religião e da fé.

Megafone Divulgação

“A Fifa têm dois ladrões conhecidos pelos brasileiros porque lá são muito mais de dois, tanto na CBF quanto na Fifa, que é o Blatter e o Jérôme Valcke. Os caras vão ficar bilionários com a Copa”

ROMÁRIO DEPUTADO FEDERAL, SOLTANDO O VERBO PARA CIMA DOS COMANDANTES DA FIFA

FÓRUM DE OUVIDORIAS

O Hospital Universitário Onofre Lopes (Huol) e do Instituto de Pesos e Medidas (Ipem) realizarão o Encontro de Ouvidorias Públicas do Rio Grande do Norte. O objetivo é discutir e criar um Fórum destes departamentos no Estado. O evento será no dia 4 de abril, a partir das 9 horas, no auditório do Ipem, no Barro Vermelho.

RECONHECIMENTO

Quem assistiu ao jogo do América ontem percebeu uma novidade na camisa do clube. A empresa "Q Empada" surgiu como principal destaque no uniforme do alvirrubro. A ação de marketing foi uma iniciativa do presidente americano, Gustavo Carvalho, como forma de reconhecimento ao apoio e incentivo que o empresário Eduardo Patrício proporcionou ao time durante três anos, quando dirigia a Nutriday.

HOMENAGEM

Dentro da programação alusiva ao Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 8 de março, a Prefeitura do Natal entregou hoje a tarde a Medalha de Honra ao Mérito “Nísia Floresta”, um reconhecimento às mulheres que tiveram papel importante na luta pelos direitos femininos na capital potiguar. A medalha foi entregue pela viceprefeita Wilma de Faria.

IMPRENSA NACIONAL

A repercussão continua grande em torno da notícia de presos amarrados uns aos outros na delegacia de Macau. Agora, foi a Associação dos Magistrados Brasileiros que se pronunciou e condenou, de forma veemente, a forma como os detidos estavam sendo tratados. Em pensar que essa situação se repete no RN há meses. Pior, é saber que quase nada mudará em torno do problema. Lamentável.


12 O Jornal de HOJE

Cidade

Natal, 13 de março de 2014

Daniela Freire

I

Quinta-feira

I

I

POLÍTICA E SOCIAL - TACIANA CHIQUETTI - tacychiquetti@hotmail.com (Interina)

w AJUDA DOS AMIGOS

Olhares atentos, na Assembleia Legislativa do RN, observaram que o prefeito de Parazinho, Marcos Esportes (PR), tem circulado constantemente pelo Legislativo estadual, especialmente no gabinete do deputado George Soares. >>> O líder máximo do partido, deputado federal João Maia, também tem recebido a mesma visita. >>> É que, segundo contam, o companheiro de partido busca ajuda dos padrinhos políticos para se livrar de um possível processo de cassação. >>> Com um ano de mandato somente, o prefeito já tem uma CEI, na Câmara de seu município, que apura informações comprometedoras de sua permanência na Prefeitura. >>> O que se comenta é que, até mesmo, aliados estariam contra ele, incluindo seu próprio vice e o presidente da Câmara.

Bruno Martins

Nome representativo do mercado imobiliário, Guilherme Machado esteve em Natal, nesta semana, para ministrar palestra para mais de 500 corretores. Tudo organizado pela gerente de marketing da Cyrela Plano&Plano, Andreia Rocha

Fotos: Divulgação

Presidente da Confederação Nacional de Pescadores e Aquicultores, Abraão Lincoln, o ministro da Pesca e Aqüicultura, Marcelo Crivella, e representantes dos estados confirmando presença no 5º Grito da Pesca e Aqüicultura, no próximo dia 22, em Canguaretama

GIRO PELO TWITTER

w VIDA SAUDÁVEL

Cada vez mais abraçando a causa da qualidade de vida e da prevenção, o vereador Maurício Gurgel (PHS) entrou com um projeto de lei que obriga a Prefeitura a fornecer uma merenda diferenciada para os alunos da rede pública municipal que têm intolerância a lactose. >>> Particularidade que atinge cerca de 8% das crianças... >>> O PL já tramita nas comissões da Câmara de Natal e deverá ser votado até o mês de maio. >>> “O projeto não vai gerar qualquer custo aos cofres públicos e vai beneficiar várias crianças que terão um melhor desempenho na escola, se alimentando melhor”, frisou.

w EDUCAÇÃO INFANTIL

A atual situação da educação infantil de Natal será discutida em audiência pública, promovida pela vereadora Eleika Bezerra (PSDC), nesta sexta-feira (14), às 9h, na Câmara. >>> No último dia 4 de fevereiro, Eleika fez uma representação contra a Prefeitura, junto ao Ministério Público, denunciando a falta de prioridade por parte do poder executivo nesta área.

Amauri Fonseca e Camila Coutinho no lançamento do inverno Toli, em Recife

O poeta Fernando Pessoa será lembrado, nesta quinta e sextafeira (13 e 14), na UFRN. >>> O “Colóquio de Estudos Internacionais Pessoanos: O Guardador de Papéis” vai apresentar e debater os estudos mais recentes sobre o poeta lusitano... >>> E comemorar o centenário do Dia Triunfal de Fernando Pessoa (1888-1935) que, no dia 8 de março de 1914, criava seus mais importantes heterônimos.

w

DE OLHO NA PÁSCOA As agências de viagem já estão focando na Páscoa. A Flytour Natal, por exemplo, está com um pacote especial para o Chocofest, o famoso festival de chocolate de Gramado. >>> O evento, case de sucesso que inspira outros estados do Brasil, conta com desfiles temáticos, degustação e comercialização de chocolates, oficinas culinárias para crianças e adultos e ampla programação. >>> As saídas estão programadas para os dias 17 e 18 de abril.

...do repórter José de Paiva: “Neste momento, há muitas interpretações para o anúncio de @depjoaomaia. Sem falar que tem a situação de @shirleyftargino: e se ela for vice?” ...do jornalista Gilberto Ribeiro: “O interessante é ver a desculpa da FIFA: sem discurso, Dilma será exceção entre chefes de estado da Copa”.

Lutador potiguar Ronny Markes, peso médio do UFC, levará para o tatame a marca do projeto social “Lutando para Vencer”, no próximo dia 23, no Ginásio Nélio Dias

w LEMBRANDO PESSOA

...do advogado Pablo Pinto: “A qualidade de vida em Natal despencou com esse trânsito”.

w FIM DE SEMANA ANTECIPADO

Fim de semana animado começa ainda, nesta quinta-feira (13), na Pepper’s Hall, com um Especial Garota Safada, comandado por Filho Araújo e A Farra e Forró do Lance. >>> A noite terá ainda o set-list do DJ Gunner.

w SOFISTICAÇÃO

O estilo barroco inspirou a linha Make B Barroco Tropical, de O Boticário, que traz 15 itens de maquiagem, cinco acessórios e uma fragrância. >>> A marca convidou o renomado estilista mineiro Ronaldo Fraga, que criou um traço gráfico exclusivo para compactações, decorações e embalagens dos produtos. >>> A escolha das cores, mais uma vez, contou com Fernando Torquatto.

...do ex-deputado Laíre Rosado: “No que se refere à eleição suplementar, em Mossoró, Rosalba está indiferente ou o silêncio aparente faz parte de alguma estratégia?” ...do professor Thadeu Brandão: “Classe C caminha, no Brasil, para afogar-se em dívidas e juros. Nova classe trabalhadora se atola devagar na maré (sub) consumista”.


Cidade

Quinta-feira

Natal, 13 de março de 2014

O Jornal de HOJE 13

Cena Urbana VICENTE SEREJO - serejo@terra.com.br w CONVERSA O prefeito Carlos Eduardo Alves passa o dia de hoje em Brasília. Além da agenda administrativa junto a ministérios, tem uma nova conversa política com o deputado Henrique Alves. A anterior foi sábado. w MARKETING - I Até meados de abril, se tanto, a Prefeitura de Natal lança o edital de concorrência da verba publicitária que para o exercício de 2014 deve ser da ordem de R$ 12 milhões. Só para fazer seu marketing oficial. w RESTA - II Saber se no Governo e na Prefeitura as verbas reservaram valores para campanhas de informação para a sociedade ou é para promover culto à personalidade, um abuso que já não cabe mais nos dias de hoje. w CIC - I O Conselho Estadual de Cultura desaconselhou o tombamento do Colégio da Imaculada Conceição por não considerar edificação histórica, pactuando em carta-compromisso a preservar a capela e a fachada. w CERTO - II Não se confunde valor afetivo de patrimônio imaterial com valor histórico para fins de tombamento. A decisão do conselho foi de acatar o parecer do seu conselheiro Jurandir Navarro. Venceu o bom senso. w ALIÁS - III A sede do CIC além de ter sido submetida a reformas e ampliações desde 1947 sem obedecer a estilo e escolas arquitetônicas não tem importância histórica. É apenas símbolo das recordações de ex-alunas. w JUSTIÇA O Tribunal de Justiça, pleno e unânime, absolveu o juiz Carlos Adel e Maurílio Pinto das acusações de escuta telefônica sem autorização. Desembargador Claudio Santos o relator e Cleto Barreto advogado.

w CANUDO Eduardo Abbott Galvão Serejo Gomes, filho de Sônia e Alberto, nosso Betuca, é agora o mais novo engenheiro. Recebeu ontem o seu canudo das mãos da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Postura e território N

ão deixa de ser uma tática de acuidade política a decisão do vice-governador Robinson Faria e da deputada Fátima Bezerra ao anunciarem que irão à exgovernadora Wilma de Faria e ao prefeito Carlos Eduardo Alves. Deles dois querem ouvir, formalmente, o rompimento e a razão da decisão, agora que estão aliados e se lançaram ao Governo e ao Senado no mesmo campo de luta onde antes aqueles dois atuaram, e hoje aliados a quem, há dois anos, tentou derrotálos nas eleições municipais. O que parece óbvio, ou simples perda de tempo, a rigor, faz um absoluto sentido político e evita que o abandono de antigos compromissos passe sem a fixação do gesto e a demarcação do território. É hora, certamente, de deixar clara a legitimidade do posicionamento oposicionista da chapa que reúne Robinson e Fátima nas lutas deste ano e a quebra de postura. O gesto dará o tom das retóricas e das linhas de discurso, confinando Wilma e Carlos ao silêncio como caudatários de um grupo governista. Aliás, Robinson e Fátima sabem das tensões que aquecem as relações de pesos e circunstâncias dentro do PMDB diante de um PSB wilmista e de um PDT carlista que tentam evitar uma presença do DEM do senador José Agripino e do PSDB de Rogério Marinho, ex-secretário do Governo Rosalba Ciarlini. Tê-los ainda que disfarçados como aliados apenas na chapa proporcional é deixar cair de vez a máscara de oposição de maiores aliados rosalbistas governando juntos ao longo de mais de três anos.

É essa nitidez que Robinson e Fátima irão produzir no encontro com Wilma e Carlos e que não seria assim se por acaso eles fossem candidatos ao Governo e Senado, posições legitimas. Não é bem o caso. Os dois aderiram ao projeto do PMDB e numa adesão tão nítida que sequer exigiram saber quem será o candidato ao governo, estilo que caracteriza o adesismo em toda plenitude e fere a tradição de Wilma e Carlos que sempre buscaram o apoio das forças populares e não das máquinas das famílias. Como todos de repente 'henricaram' - O PSB de Wilma, o PDT de Carlos, o DEM de Agripino, o PSDB de Rogério, o PR de João Maia e mais dez pequenos partidos, cada um fixando a troca do seu gesto, o quadro político acabou tendo dois polos: de um lado os capitaneados pela força poderosa do deputado Henrique Alves e do outro, os que sobraram daquela resistência que em determinado instante contava com o apoio de Wilma de Faria e Carlos Eduardo, hoje rompidos sem motivos com os aliados. O quadro revela que nem sempre uma habilidade política consegue esconder as tintas fortes dos arranjos engendrados nos gabinetes. Ninguém nega a eficiência prática dessa articulação do deputado Henrique Alves. Mas, também, ninguém - nem o próprio Henrique - pode garantir o controle da reação do olho popular diante do quadro que foi pintado ao longo das últimas semanas. Rebeldes sem causa já foram derrotados, assim como poderosos unidos caíram em desgraça nas urnas. É cedo para previsões.

w PMDB - I De Elio Gaspari, ontem, na Folha: 'Ganha viagem a Roma, com direito a hotel 'padrão Dilma', quem souber apontar uma só política pública associada ao desentendimento do PMDB com o governo atual'. w NA... - II Na opinião de Gaspari, no governo atual, passados e futuros, os problemas do PMDB nas relações com o Planalto é sempre na busca de ministérios e cargos públicos. A fome dos pemedebistas é insaciável. w GOSTO O caderno Comida, da Folha, mostrou esta semana que a presidente Dilma Rousseff é mais prosaica do que imaginam os gourmets e enólogos. Gosta de ovo caipira, frito 'estrelado' - e de carne de panela. w NISIA Ontem, no canal NBR, um dos destaques da agenda de cinema foi o filme de Tânia Quaresma sobre a vida e a obra de Nísia Floresta. Com fotografias históricas e as cenas gravadas na cidade onde nasceu. w CASCUDO Diógenes da Cunha Lima trabalha na quarta edição do seu 'Câmara Cascudo, um brasileiro feliz' agora com a inclusão de um conjunto com as frases de humor do autor do Dicionário do Folclore Brasileiro. w REVISTA A terceira edição da revista Grande Ponto vai ser lançada amanhã, sexta, dia 14, no Dia da Poesia, no Palácio Potengi, sede da Pinacoteca do Estado. E conta um pouco da história desta Aldeia de Camarão.

Infectologista alerta para epidemia de dengue em Natal durante o período da Copa do Mundo ESPECIALISTAS INTERNACIONAIS TAMBÉM ALERTAM SOBRE OS RISCOS. INÍCIO DO PERÍODO CHUVOSO PODE AUMENTAR CASOS ROBERTO CAMPELLO ROBERTO_CAMPELLO1@YAHOO.COM.BR

Especialistas alertam que o risco de aparecer uma epidemia de dengue no Brasil durante a Copa do Mundo é alto. Um novo tipo da doença foi descoberto recentemente na Malásia, e, a expectativa é que este ano os casos aumentem. As informações foram divulgadas recentemente pela revista Nature e confirmada pelo infectologista Luiz Alberto Marinho. Estima-se que o país receberá cerca de 600 mil turistas durante o período dos jogos, fato que, ao lado do grande trânsito interno de torcedores, deve contribuir para o registro da dengue no Rio Grande do Norte. A principal preocupação é com as cidades onde as temperaturas são altas mesmo no inverno, como Salvador, Fortaleza e Natal, palcos de algumas partidas. O grande número de casos de dengue registrados em cidades de todos os estados do Brasil já preocupa os países vizinhos, principalmente Uruguai e Argentina. Na América do Sul, esses são os únicos dois países que não têm casos autóctones (em que a doença foi

contraída no próprio país). No entanto, o risco de epidemia em várias regiões brasileiras faz com que os governos argentino e uruguaio redobrem a atenção para a virose. No Uruguai, seleção que deve jogar em Natal, o Ministério de Saúde Pública alerta a população para que seja intensificado o combate aos focos do mosquito que costumam aparecer com mais facilidade no período de chuvas, que dura até abril. No fim de 2013, o governo uruguaio informou que o país estava sem qualquer registro autóctone de dengue e que poderia ser considerado livre da doença. Mesmo assim, representantes dos departamentos se reuniram para iniciar uma campanha de prevenção. A preocupação maior é com a chegada do mosquito pelas fronteiras com o Brasil e, por isso, ações de combate aos criadouros são realizadas com frequência em regiões próximas às cidades brasileiras. Especialistas da Universidade de Oxford chamaram a atenção para as chances de ocorrência de surtos de dengue durante a Copa do Mundo e colocou três cidades do Nordeste sob alerta: Fortaleza, Salvador e Natal. Em uma coluna na

Heracles Dantas

Para Luiz Alberto, erradicar a doença agora é quase impossível. Desafio é tentar controlar revista científica Nature, o pesquisador britânico Simon Hay defende que o Brasil deveria fazer campanhas de alerta aos turistas sobre os riscos da doença e aumentar as medidas de controle. Em resposta ao artigo da Nature, o Ministério da Saúde disse que "em junho e julho, meses em que serão realizados os jogos da

Copa do Mundo 2014, as taxas de incidência da doença mostram baixa transmissão na região Nordeste, não havendo evidências de que, durante a realização dos jogos, possam ocorrer epidemias de dengue nas cidades-sede". No entanto, o infectologista Luiz Alberto Marinho rebateu as declarações do Ministério da

Saúde. "Não estamos fazendo projeção. São dados históricos que comprovam que é justamente nesse período em que há o grande número de pessoas infectadas. O risco é permanente e este ano não é diferente", afirmou o especialista. Para Luiz Alberto Marinho, erradicar a doença é quase que impossível, conforme cita a própria Organização Mundial da Saúde (OMS). O desafio agora é tentar controlar a doença. "Erradicar é praticamente impossível e um sonho, mas não conseguimos nem fazer o básico, que é o controle de epidemias. Evitar que a doença ocorra sobre a forma de epidemia. Epidemia é quando ela se alastra. A dengue é uma doença para ter o ano todo, todo o ano, mas com casos esporádicos. A possibilidade de este ano ser epidêmico é muito grande", afirmou o infectologista. Para ele, caso o número de pessoas infectadas com a doença aumente no período que antecede o Mundial, dificilmente os turistas europeus e norte-americanos virão para o nordeste brasileiro. "Eu venho alertando isso desde 2009 que deveríamos ter nos preparado pelo menos três anos antes do Mun-

dial, com um trabalho perfeito, para termos certa garantia de que no ano da Copa, e daí para frente, não corrêssemos esse risco de epidemia. Esse é um aspecto básico que não foi preocupado. Este ano, não tem muito o que fazer, pois o trabalho para o ano é sempre feito no ano anterior. O trabalho deve ser feito numa tentativa de minimizar esse risco que é grande", destacou. O infectologista Luiz Alberto Marinho elencou oito motivos que justificam a perene vulnerabilidade do Rio Grande do Norte, em especial a cidade de Natal, às epidemias (surtos) da doença. Primeiramente, ele cita o clima quente e úmido que torna-se altamente favorável a proliferação do mosquito. Além disso, o Aedes aegypti é um inseto doméstico, portanto muito próximo das pessoas, não exigindo condições especiais para sua multiplicação em diferentes recipientes, produzidos pelo homem e algumas de suas formas evolutivas, ovos, larvas e adultos já demonstram resistência à inseticidas e larvicidas. CONTINUA NA PÁGINA 14


14 O Jornal de HOJE

Natal, 13 de março de 2014

Cidade

Quinta-feira

CONTINUAÇÃO DA PÁGINA 13 "Estamos longe de razoável oferta de água potável diariamente a todos os imóveis da cidade, evitando-se assim a necessidade da população acumular o precioso líquido em recipientes, que são candidatos a criadouros do mosquito. Mesmo com a oferta sofrível de água, em geral sua pressão mínima permitida quase nunca é atingida globalmente", ressaltou o especialista. Além disso, cita Luiz Alberto Marinho, a coleta de resíduos sólidos, lixo que possa ser transformado em criadouro do mosquito, permanece insuficiente, haja vista a constante presença de plástico, metal, borracha, nos quintais, jardins, terrenos baldios e vias públicas da cidade, bem como a constância do comércio de ferro velho, exibindo ao relento carcaças de veículos automotores em vários pontos da cidade. O especialista considera ainda que a os programas municipais de controle das endemias quase nunca atingem os seus objetivos. "Neste mister, sobressaem-se os ciclos de visitas dos agentes de saúde a todos os imóveis da cidade, anualmente. Além de extremamente insuficientes por motivos variados, como greve de pessoal, falta de insumos, grande número de imóveis não visitados por estarem fechados, seus resultados nunca produziram o efeito desejado, demonstrando pelos parcos bons resultados nos índices de infestação predial por menor que seja o período analisado", considera. Por fim, a presença concomitante de diferentes sorotipos do vírus dengue na cidade, explica o especialista, aumenta a chance de pessoas susceptíveis e eleva sobremaneira a possibilidade do aparecimento da forma mais grave da doença (FHD). "Tudo isso leva a expectativa de surtos da doença em um futuro próximo, inclusive este ano, principalmente pela presença do sorotipo Den 4, recémidentificado e contra o qual, admite-se, grande parte da população não tem anticorpos, sendo, portanto, susceptível. Por outro lado, um percentual enorme da população já teve contato com um ou mais sorotipos existentes há maior tempo, com isso há também a possibilidade de aumento considerável dos casos de FHD. Some-se ao fato de que os atuais índices de infestação predial são totalmente compatíveis com risco de surtos proximamente", alerta o infectologista Luiz Alberto Marinho. Luiz Alberto Marinho acredita que este ano a situação pode ser mais crítica ainda em função do trabalho de combate ao mosquito realizado no ano passado foi deficitário. "Os trabalhos desenvolvidos pelos agentes de endemias nunca foram corretos e o ano passado foi um dos piores anos. Se os criadouros não foram

Fotos: Heracles Dantas

Especialista diz que se o número de pessoas infectadas com a doença aumentar nos próximos meses, dificilmente turistas europeus e norteamericanos virão para o Nordeste durante a Copa destruídos, então tem muito inseto espalhado por aí nos bairros. Basta começar a época das chuvas, os recipientes começam a ganhar água e os mosquitos começam a aumentar a população e a epidemia começa a acontecer", considera o especialista.

“Eu venho alertando isso desde 2009 que deveríamos ter nos preparado pelo menos três anos antes do Mundial, com um trabalho perfeito, para termos certa garantia de que no ano da Copa, e daí para frente, não corrêssemos esse risco de epidemia. Esse é um aspecto básico que não foi preocupado. Este ano, não tem muito o que fazer” LUIZ ALBERTO MARINHO INFECTOLOGISTA

DOENÇA A dengue é uma doença infec-

ciosa, aguda, causada por um vírus transmitido ao ser humano pelo inseto Aedes aegypti. Clinicamente caracteriza-se por quadro febril, acompanhado de dores musculares, dor de cabeça, moleza, perda de apetite, manchas vermelhas pelo corpo e alteração do paladar. Também são comuns pequenos sangramentos pelo nariz, gengiva, urina ou pele. De acordo com o infectologista Luiz Alberto Marinho, a dengue é uma doença predominantemente tropical, onde o clima é quente e úmido em grande parte do ano, sendo mais comum em lugares de baixa altitude e sua ocorrência está relacionada com o período chuvoso. O especialista conta que, historicamente, o período chuvoso em Natal se estende de abril a julho. A infecção, segundo o especialista, é causada por um único vírus, mas com quatro sorotipos diferentes: Den 1, Den 2, Den 3 e Den 4. A imunidade é sorotipo-específica, portanto pode-se adoecer por mais de um sorotipo, embora seja necessário um intervalo entre as infecções aproximadamente de três a seis meses. Todos os quatro sorotipos podem causar quadros clínicos benignos, de média gravidade e grave, embora individualmente, o sorotipo Den 2 seja considerado o mais virulento. "O primeiro e segundo existe desde o início da epidemia, por volta de 1996. O tipo três chegou em 2001 e agora, há um ou dois anos, o novo tipo surgiu. Grande parte da população pode adoecer e o surto dele (tipo 4) pode acontecer. Com isso a região está sobre constante risco de surtos epidêmicos. Os quadros mais graves, dengue hemorrágico e choque por dengue, são nitidamente mais comuns em pessoas que têm a infecção a partir da segunda vez, configurando a infecção sequencial", explicou Luiz Alberto Marinho.

MOSQUITO O Aedes aegypti é um inseto doméstico, em que a fêmea, que se alimenta de sangue, tem hábitos alimentares, preferencialmente, nos finais da tarde e início da noite, entre 17h e 19h30, ou próximo ao raiar do sol, entre às 4h e 7h. Caso a fêmea esteja contaminada com o vírus dengue, transmite ao ser humano durante a picada para alimentar-se. A fêmea do Aedes aegypti deposita seus ovos em recipientes que possam funcionar como criadouros. Caso deposite em recipientes sem água, eles conseguem resistir até 365 dias à espera de água. O inseto reproduz-se com maior eficiência com o aumento das chuvas, quando além do clima quente há elevação da umidade relativa do ar. Eles preferem recipientes à sombra, com água limpa ou pouco poluída. O especialista destacou as principais características de ambientes propícios à proliferação do inseto, como o clima quente e úmido, próprio dos períodos de chuva nas regiões tropicais. "A coleta de resíduos sólidos deficitária ou inexistente nas residências, via pública, terreno baldios, quintais e jardins, a oferta insuficiente de água encanada e tratada aos imóveis da cidade, a ausência de um programa de educação permanente de educação à população sobre e combate e destruição dos criadouros do mosquito transmissor nos domicílios e a interrupção dos programas governamentais nas esferas federal, estadual e, principalmente, municipal de combate ao mosquito e seus criadouros, através da visitação periódica de agentes de saúde a todos os imóveis da cidade são características que ajudam na proliferação no inseto", destacou o infectologista Luiz Alberto Marinho.

Movimento dos Navios APRONIANO CÉSAR

apronianocfs@hotmail.com

Navio de Cruzeiro de Gana e outro do México confirmaram atracação no novo Terminal de Passageiros em Fortaleza/CE na Copa 2014 Navio Lagoa Paranaense CMA-CGM Aristote Alem Mar II Recanto Mar III Marfret Marajó Marfret Guyane CMA-CGM Herodote Seven Seas CMA-CGM Platon CMA-CGM Homere CMA-CGM Aristote

Bandeira Brasil Inglaterra Brasil Brasil França França Inglaterra Canadá Inglaterra Inglaterra Inglaterra

NATAL Chegada Destino No Porto -15/03 Algeciras/ESP 16/03 F. de Noronha(PE) 16/03 F. de Noronha(PE) 22/03 Algecira/ESP 29/03 Algecira/ESP 05/04 Algeciras/ESP 07/04 Porto Grande/CV 12/04 Algeciras/ESP 19/04 Algeciras/ESP 26/04 Algeciras/ESP

Carga/Des. Rebocador Contêineres Geral Geral Contêineres Contêineres Contêineres Turismo Contêineres Contêineres Contêineres

TERMINAL OCEÂNICO DE UBARANA - GUAMARÉ - RN São Luis Torm Venture

Bahamas Noruega

No Porto Aracaju(SE) Ao Largo Salvador(BA)

Óleo cru Óleo cru

A PROGRAMAÇÃO É CHECADA DIARIAMENTE, PODENDO HAVER ANTECIPAÇÃO OU ATRASO DE ALGUM NAVIO

TÁBUA DE MARÉS Dia Hora Altura (M) 13 14:58 2.1 20:58 0.4 14 03:17 2.1 09:06 0.5

FASES DA LUA Nova (01/03 - 05:00h) Crescente (08/03 - 10:27h) Cheia (16/03 - 14:08h) Minguante (23/03 - 22:46h) Nova (30/03 - 15:45h)


Esporte

Quinta-feira

Natal, 13 de março de 2014

O Jornal de HOJE 15

José Aldenir

Técnico Leandro Sena reconheceu o fraco desempenho do time

GOLEADA SERÁ AVALIADA PELA DIRETORIA DIRIGENTES

E COMISSÃO TÉCNICA SE REÚNEM PARA ANALISAR DERROTA POR

O América perdeu o primeiro duelo de 180 minutos das semifinais da Copa do Nordeste. Ontem, na Arena Castelão, em Fortaleza, a equipe alvirrubra foi goleada pelo Ceará por 4 a 0. Magno Alves, Samuel Xavier, Tadeu e Sandro marcaram os gols do Vovô Alencarino. Para a partida da volta, na próxima quarta-feira (19), na Arena das Dunas, o grupo comandado pelo téc-

nico Leandro Sena terá que devolver o mesmo placar para levar a decisão da vaga para os pênaltis. Segundo o vice-presidente de futebol, Ricardo Bezerra, o resultado dificultou bastante as pretensões do clube na Copa do Nordeste e uma reunião entre diretoria e comissão técnica será realizada nesta tarde para avaliar a performance do time. "Nosso foco sempre foi chega à final

e ninguém esperava por esse resultado, pois dificultou bastante a nossa classificação, mas no futebol tudo é possível, vamos nos reunir com a comissão técnica para avaliar o jogo e traçar uma estratégia para o jogo da volta", disse o dirigente americano. De acordo com o treinador alvirrubro, o gol sofrido aos dois minutos foi o principal causador da derrota. "Levamos um gol muito cedo que

desmontou nossas pretensões e o adversário foi superior, nós não tivemos força para reagir, não tem muito o que explicar, o que temos que fazer é trabalhar mais", revelou. Aavaliação do jogo será realizada hoje à tarde na reapresentação do grupo, marcada para às 15h, no CT Abílio Medeiros. Para a segunda partida, no dia 19, na Arena das Dunas, o técnico Leandro Sena não contará com a

4

A

0

PARA O

CEARÁ

presença do meia Rubinho, que sofreu o terceiro cartão amarelo. Como não pode utilizar Artur Maia, que já atuou pela competição quando estava no Vitória, Sena deverá optar por Rafinha na criação das jogadas. Mas antes, o América enfrentará o Baraúnas, pela Copa Cidade de Natal, o segundo turno do Campeonato Potiguar. A partida acontecerá no próximo domingo

NO

NORDESTÃO

(16), às 17h, na Arena das Dunas. SPORT Na outra semifinal da Copa do Nordeste, o Sport venceu o rival Santa Cruz por 2 a 0, com gols de Neto Baiano e Felipe Azevedo. Com esse resultado, o Leão pode até perder a partida de volta por um gol de diferença que conquista a classificação. José Aldenir

> COPA DO BRASIL

ABC PERDE, MAS TÉCNICO DIZ

QUE PLACAR É REVERSÍVEL O ABC fez a sua estreia na Copa do Brasil ontem, em Cariacica-ES, e foi derrotado por 1 a 0 para a Desportiva Ferroviária, no estádio Engenheiro Araripe. Apesar do resultado negativo, o treinador Roberto Fernandes afirmou que equipe tem totais condições de reverter o placar em casa, no dia 9 de abril, no estádio Frasqueirão. Na análise do jogo, o técnico disse que o time merecia, no mínimo, o empate. “Acredito que pelo o que a equipe criou durante todo o jogo, merecíamos, no mínimo, sair daqui com um empate. Mas é um placar totalmente reversível e vamos trabalhar para buscar a classificação em casa.”, declarou o técnico

abecedista ao site oficial do clube. Como o jogo da volta será somente em abril, o foco do clube se volta para o segundo turno do Campeonato Estadual, já que o objetivo é garantir a vaga para a Copa do Nordeste de 2015. “Temos que pensar agora no Campeonato Estadual. Temos um jogo complicado fora de casa e precisamos ver como fica os jogadores que perdemos aqui, o Lúcio Flávio e Marlon. Vamos esperar as definições, trabalhar, conversar com o grupo, pois queremos estrear bem no segundo turno para brigarmos pelo título e a vaga na Copa do Nordeste”, disse o treinador alvinegro. A comissão técnica marcou a

reapresentação geral do grupo para o turno da tarde de sexta-feira (14), a partir das 15h30, no CT Alberi Ferreira de Matos, quando Fernandes iniciará os preparativos para a estreia da Copa Cidade de Natal, o segundo turno do Campeonato Potiguar. O ABC irá até a cidade de Mossoró, onde enfrentará o Potiguar, no próximo domingo (16), no estádio Nogueirão.

Roberto Fernandes disse que equipe alvinegra merecia um empate contra a Desportiva-ES

Fábio Pacheco fabiopachecorn@gmail.com

PRESSIONADO Só escuto críticas ao time do ABC, inclusive já tem torcedor pedindo a cabeça do técnico Roberto Fernandes. Mas a derrota na estreia da Copa do Brasil para a Desportiva-ES era previsível, pois um time não muda da água para o vinho só com a entrada de um jogador, no caso o estreante Octávio. A verdade é que o alvinegro faz o jogo da volta em casa e como trata-se de um placar reversível, tem grandes chances de se classificar. O problema será a estreia do segundo turno contra o Potiguar fora de casa, se perder, a pressão sob Roberto Fernandes ficará insuportável.

QUE DESAGRADÁVEL O bordão mais famoso da televisão brasileira caiu como uma luva para a goleada sofrida pelo América, ontem, na Arena Castelão. "Que desagradável" foi ver Leandro Sena insistir com três volantes, quando todo mundo sabia que se recuasse demais iria sofrer gols. Mas para sorte do técnico, a exceção de Dida, não teve um jogador de linha que jogou bem. Cléber, Edson Rocha e Adalberto estavam irreconhecíveis, e a decisão de fazer a linha burra favoreceu a velocidade do ataque cearense que chegava a todo momento na cara do gol. As alas não funcionaram, Raí quase não tocou na bola e nem os avanços de Walber e Fabinho pela direita deram certo. No meio-campo, o time não conseguia trocar três passes, Rubinho não viu a cor da bola e no ataque Adriano Pardal ficou com a missão de resolver tudo sozinho. Pra piorar, Sena decidiu mexer no time tarde demais. Rafinha que era pra sair jogando na vaga de Tiago Dutra só entrou na etapa final e mesmo assim insistia em carregar para o lado da marcação. Resumindo, uma derrota que não deve ser esquecida e lembrada em todos os jogos decisivos que o América for fazer nesta e nas próximas temporadas. PODEROSO O Barcelona superou as duas derrotas nos últimos três jogos para vencer o Manchester City por 2 a 1 no Camp Nou e avançar às quartas de final da Liga dos Campeões. Messi abriu o placar no segundo tempo, Kompany empatou aos 44 e Daniel Alves definiu a vitória nos acréscimos. Assim, chegou pela sétima vez seguida às quartas de final da competição. Desde 2003 o Barça não é eliminado nesta etapa. O sorteio do adversário será na semana que vem.

CLASSIFICAÇÃO A questão agora é saber se a equipe do América terá condições de reverter o placar sofrido em Fortaleza e devolver os quatro a zero para pelo menos levar a decisão da vaga para os pênaltis. No futebol tudo é possível, mas se o alvirrubro não melhorar, dificilmente chegará à final da Copa do Nordeste.

SOLTOU O VERBO O baixinho e deputado federal Romário aproveitou a imunidade parlamentar para detonar a Fifa. O ex-atleta não poupou críticas aos organizadores da Copa do Mundo e chamou o presidente da Fifa, Joseph Blatter, e o secretário-geral, Jérôme Valcke, de corruptos e ladrões. Se tem uma coisa que brasileiro sabe é sobre corrupção: onde há muito dinheiro, sempre haverá alguém querendo desviar um trocado. CLASSIFICAÇÃO A questão agora é saber se a equipe do América terá condições de reverter o placar sofrido em Fortaleza e devolver os quatro a zero para pelo menos levar a decisão da vaga para os pênaltis. No futebol tudo é possível, mas se o alvirrubro não melhorar, dificilmente chegará à final da Copa do Nordeste.

ESTREIA DO GLOBO Depois de vencer o primeiro turno, o Globo inicia hoje a sua campanha para ser campeão estadual de 2014. A estreia na Copa Cidade do Natal, segundo turno do estadual, será contra o Baraúnas, às 20h30, no estádio Leonardo Nogueira, em Mossoró. O técnico Higor César vai contar com o elenco completo, inclusive o recém-contratado goleiro Messi, ex-Palmeira de Goianinha. A arbitragem será de Tarciso Flores da Silva, vamos ver se esse é bom. A rodada de hoje ainda terá Alecrim x Potiguar, às 20h30, no estádio Ninho do Periquito. SÉRIE E Os líderes do Bom Senso FC devem apresentar oficialmente a proposta para a criação do novo calendário do Campeonato Brasileiro. Entre as novidades estão a criação da quinta divisão do futebol nacional, com a presença de 430 clubes, além da realização dos estaduais no mesmo formato da Copa do Mundo, com apenas um mês de duração. A proposta é muito boa, só vai depender de como serão os critérios para disputar a Série E, pois um estadual de 30 dias pode terminar de quebrar os clubes pequenos.


16 O Jornal de HOJE

Esporte

Natal, 13 de março de 2014

Quinta-feira

DIvulgação

Passe Livre RUBENS LEMOS FILHO - r.lemosfilho@uol.com.br Divulgação

Rubro-negros amargaram empate contra o lanterna Bolívar

BRASILEIROS TROPEÇAM NA LIBERTADORES

FLAMENGO E ATLÉTICO-MG EMPATAM E BOTAFOGO PERDE A INVENCIBILIDADE O Flamengo tropeçou diante de sua torcida e deixou escapar a chance de alcançar a liderança do Grupo 7 da Copa Libertadores. Ontem, jogando no Maracanã, a equipe ficou no empate em 2 a 2 com o lanterna Bolívar e se manteve na vice-liderança na tabela, ao lado do Leon do México, ambos com dois pontos atrás do Emelec. Os bolivianos seguem na lanterna, agora com dois pontos. Na próxima rodada, no dia 19, Flamengo e Bolívar voltam a se enfrentar, desta vez na altitude de La Paz, na Bolívia. A partida teve dois tempos distintos. No primeiro, o Flamengo errou muito e pouco foi efetivo no ataque. Já o Bolívar permaneceu na retranca, mas assustou Felipe em chutes de longa distância. Já na etapa final, o duelo foi muito movimentado. Os visitantes abriram o placar com Capdevilla, mas viram os rubro-negros virarem com dois gols de Everton. Os bolivianos correram atrás do prejuízo e deixaram tudo igual com Pedriel para dar números finais no Maracanã. No outro jogo de brasileiros

pela Libertadores, o Atlético-MG cedeu o empate, por 2 a 2, ao Nacional aos 41 minutos do segundo tempo, no Estádio Antonio Aranda, em Ciudad del Este, no Paraguai.O resultado manteve o Galo na liderança do Grupo 4 da Copa Libertadores, com sete pontos. Mas o time perdeu a chance de disparar na ponta, já que o Zamora, da Venezuela, derrotou o Santa Fe, da Colômbia, ficando os dois clubes com três pontos. O Nacional soma quatro. Já o Botafogo perdeu a chance de encaminhar a classificação para as oitavas de final ao perder por 2 a 1 para o Independiente del ValleEQU, em Quito, pela Libertadores. Os alvinegros terminaram o jogo com nove jogadores e sofreram com o revés já nos acréscimos da partida. Mesmo com a derrota, os cariocas seguem na liderança do grupo 2, com quatro pontos, a frente dos equatorianos e do San LorenzoARG nos critérios de desempate.A terceira rodada da Libertadores prossegue com Universitário x Atlético-PR, Cruzeiro x Defensor e Grâmio x News Old Boys.

Ultimato a Celeste Dou mais três terças-feiras, Celeste, para você criar coragem e deixar aquele sujeito. Celeste, te enxerga, Celeste. O seu olhar arregimentaria uma fila e desejosa de 100 mil homens, um aglomerado apaixonado de encher Vasco x Flamengo nos tempos de Roberto Dinamite enfrentando Zico. Está demais, Celeste. Sua vida passada de caprichosa da noite não é razão para enterrar a honra assim. Menos, Celeste. Um batalhão de ébrios enternecidos hipotecaria cuecas para te pagar uma dose de rum e vê-la de stripper numa boate sebosa. Manda esse homem pastar Celeste, ele não te merece. Ele não vale o raio paralisante saindo do seu par de olhos, nunca, se existisse justiça nas paixões, teria direito ao corpo delicioso metido em calça jeans justa

realçando o bumbum esculpido em areia de Copacana. Celeste, não és Amélia, que não tinha vaidade e era mulher de mentira, verdade fajuta na canção machista de Ataulfo Alves e de Mário Lago. Amélias são camélias murchas para os homens. Que apanham merecidamente de quem só gosta de luxo e riqueza e faz tanta exigência, seguindo a melodia de dor de traído chiando em vitrolões e botequins sobreviventes de vielas enlameadas de sujeira e amargura. Celeste, pense em você, na sua filha, no seu futuro, na sua beleza pincelada por Picasso ou Portinari. Seu rosto é delicado e atraente como o das mediterrâneas. E você se perdendo com sujeitos sem ternura, grosseiros, cruéis. Primeiro foi Ney, um bandido

PRENÚNCIO O desempenho potiguar na Copa do Nordeste e na Copa do Brasil fora de casa serve de alerta para o futuro. Se não quiserem cair da Série B, ABC e América vão ter que suar sangue para a montagem de times competitivos além da divisa com Mamanguape, na Paraíba. EM FORTALEZA O América teve a pior atuação dos últimos tempos e a defesa se abriu como uma peneira. O veteraníssimo Magno Alves, a própria imagem e semelhança do Vovô, símbolo do Ceará, parecia um corredor de 100 metros rasos no duelo com zagueiros apáticos. Em 25 minutos de jogo, o América estava liquidado. Um horror.

abaixo do ordinário, corneado dentro da cadeia e desvirtuando a regra tosca da marginalia, segundo a qual em mulher de detento outro sequer deve passar a vista, imagine dar cantada e tomar assim, na lábia, como fez o psicopata do Baroni. Celeste, Celeste, a formosura é perecível. O esplendor tem vida util. Aliado à burrice ou petulência, se enrosca à decadência da pele esfarrapada, da maquiagem borrada, das pelancas em desabamento facial. Aproveite agora, que você estala um dedo e marmanjos ricaços correrão para cortejá-la e dispense o assaltante de bancos e de cargas. Para o seu bem e da sua indiazinha tão sapeca, que você pariu do idiota do Ney, chifrudo e preso. >>>>>> Repito, Celeste, do auge de minha veneração platônica. Faltam três semanas para você tomar tenência e rumo na vida que lhe resta. Ou vai persistir na convivência aterrorizante com um tirano que tentou mata-la e a fez cavar sua própria cova? Celeste você ia morrer ou ver a sua filha ser assassinada por um marginal frio, inescrupuloso, que já executou uma mãe e um menino por conta de uma senha de banco omitida ou esquecida pelo vigilante e pai de família, muito bem punido por se aliar a uma quadrilha impiedosa. Estou torcendo por você, Celeste, a mulher mais linda da televisão brasileira desde Vera Fischer na exuberância loura, Você é diferente, tens requintes europeus e atributos ca-

BOM TIME Sérgio Soares, técnico do Ceará, foi um razoável meio-campista do Juventus, o Moleque Travesso de São Paulo. Pelos idos da década de 1990. Montou um esquema rápido e bom de se ver. O primeiro gol foi fulminante na base do toque de bola. A defesa assistiu como se estivesse nas cadeiras da Arena Castelão. NO ESPÍRITO SANTO O ABC perdeu para a Desportiva que não vencia há um mês e desde 1994 não passa da segunda fase da Copa do Brasil. Nenhuma consideração a mais. MESSI O toque enjoado ontem, deve ter aprendido vendo algum jogo da Copa RN.

riocas, lembra em rosto a falecida Dina Sfat, em seu auge seduzindo o galã dos anos boca de sino, Francisco Cuoco. Celeste potranca, aguda e oxítona. Decida, Celeste, tome uma atitude. Fuja, envenene o Baroni, ele é irrecuperável. Mata por prazer, por sadismo, por ranço e despeito. Corra dele, da tia megera dele, horrorosamente degradada e má, da ex-mulher com quem você, numa crise de ciúmes, pensou em tomar satisfações. Celeste, diante da ex do Baroni, você é Romário contra Júnior Baiano. Espero que a continuar sua dependência , o delegado Macedo, um nordestino obstinado e honesto, ponha as mãos no canalha do seu companheiro. Melhor: meta-lhe uma bala no meio da testa, para que você siga, linda, a caminho da liberdade. Invado as madrugadas de terçafeira por você, Celeste, o triunfo da exuberância sobre a feiúra. A cada invasão, estou torcendo para que fujas do martírio. Desse tormento que é acordar no Paraná para dormir em Mato Grosso e tomar café no interior de São Paulo. Bela, inspiradora Celeste, ainda há tempo, mas nada mudará. Faltalhe caráter. Sua submissão é digna de asco, jamais de piedade. Seu destino é cair com Baroni e descolorir da tela sua imagem felina e instigante nas noites da série ATeia, uma exceção de qualidade em cinema policial na TV aberta. PS. Celeste é mulher do bandido Baroni, vilão de A Teia da Rede Globo e é interpretada pela atriz Andréia Horta.

PC SHOW Paulo Cézar Caju estraçalhou e saiu de campo com nota 10 na vitória do Brasil sobre o Paraguai em Assunção por 1x0, completando hoje 37 anos. Valendo pelas Elimantórias da Copa da Argentina. PC fez a jogada do gol, driblando o lateral Solalinde e Insfran desviou para as próprias redes. TIMES O técnico Cláudio Coutinho escalou um time melhor do que o convocado para o Mundial, com ressalva para ausência de Zico. O Brasil: Leão; Zé Maria (Marco Antônio), Luís Pereira, Carlos Alberto Torres e Marinho Chagas; Cerezo, Falcão e Rivelino; Gil, Roberto Dinamite e Paulo Cézar Cajú.

CMYK

13032014