__MAIN_TEXT__

Page 1

o-

Ciclovia é um diferencial de gestão. Veja a “Mesa do Editor”. Pág. 16

D a n ç a d o s Ve r e a d o r e s Edição 1.427

27 a 30 de novembro de 2020

Saíram - 12

Magal

P. Raimundo

Ficaram - 06

Elton

Juliana

Porsani

Roger

T. Santana

Édio

Toninho

Jeferson

Zé Luiz

Chediek

Thainara

Edson Hel

Gerson

Paulo

Entraram - 12

Rafael

Lucas

Alunos da Biologia da UNIARA plantam mudas na nascente do córrego Água Branca.

Carlão

Emanoel

Pastor Hugo

Luna

Aluísio Boi

João

Filipa

Guilherme

Marchese

Marcos

Fabi

Lineu WL

Edinho Silva testa Positivo (coronavírus) e suspende agenda

P

refeito testou positivo (Covid-19), quartafeira 25, está bem e assintomático (sem sintoma). Fez coleta para exames após confirmação de caso em sua família. Com orientação médica, suspendeu compromissos e cumprirá isolamento, até 09 de dezembro, em sua casa.

VEREADORES

D

e forma didática, os agentes que procuraram cumprir mandato para representar a população. Acredita-se que deram o máximo, afinal, esse mandato dignifica o ser humano. Aos que deixam a “Tribuna do Povo”, a gratidão inserida na história da cidade. Aos que chegam, a certeza de serem bem-vindos e não percam a confiança. Deve ser fortalecida. O Enigma, trabalho de

João B. Galhardo, é imperdível. Pág. 07


02

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

Covid-19 após eleições

Há 28 anos 3/12/1995

D

Plantio na

Rodovias

eputado Dimas Ramalho (PMDB) assinou projeto que regula aproveitamento das faixas laterais, ao longo da malha viária, para produzir gêneros alimentícios. Ca-

berá ao DER e Dersa o cadastro das áreas de domínio público e Secretaria da Agricultura e Abastecimento estabelecerá critérios para conceder a permissão, por 10 anos, para exploração.

(Editorial)

A

Texto: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves

pandemia da Covid-19 ainda preocupa. Ainda não temos vacina eficaz e nem sabemos quando será possível imunizar a população. O coronavírus continua solto e infectando. Daí a necessidade de se adotar precauções como o uso da mascara, não aglomerar e manter distanciamento entre as pessoas, pois não conseguimos saber quem está impregnado pelo mal. O aumento das internações, especialmente em hospitais privados, leva a especulações de que estaríamos entrando numa segunda fase da pandemia, como a que ocorre na Europa. É bom lembrar que na Europa hoje é inverno e aqui vivemos a estação quente do ano, uma situação inversa que não autoriza a pensar que a pandemia se agravará. Que não se repita a politização quando da chegada do vírus. Tendência é que não ocorra, prefeitos que assim se comportaram, perderam. Com o pouco mais de conhecimento sobre o mal, espera-se mais seriedade e que o problema não seja combustível para partida precoce às eleições de 2022. Está

na hora das autoridades sanitárias definirem os protocolos a seguir durante o período em que o vírus estiver circulando e ainda não houver a imunização da população. Temos alguns meses até a chegada da estação temperada e fria (a partir de abril). Devemos observar o que ocorre na reinfecção da Europa e prospectar medidas que possam ser adotadas aqui no caso da anomalia se confirmar. Vamos laboratórios se esforçando para chegar uma vacina eficiente. Quando a droga estiver disponível, não importa de onde venha, é preciso que se monte o melhor esquema para a sua aplicação. Sem a truculência da obrigatoriedade e nem a incompetência que possa torná-la indisponível a regiões ou segmentos da sociedade. O SUS será o grande distribuidor, estados e municípios fazendo como é normal com as demais vacinas. Os governantes precisam de sensibilidade para não cometer a atrocidade dos lockdowns e quarentenas exacerbadas que podem levar à população prejuízos e sofrimentos maiores do que a própria pandemia. Chega de engano e intolerância! (É dirigente da ASPOMIL - Associação de Assist. Social dos Policiais Militares de São Paulo - aspomilpm@terra.com.br)


JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

03

UNIMED

Matheus Fernando Manzolli Ballestero, Médico da Unimed de Araraquara é o primeiro a publicar artigo no site da Sociedade Internacional de Neurocirurgia Pediátrica. Assunto abordado: Cisticercose em Crianças, causada pelo parasita encontrado na carne de porco e, quando mal cozida, pode ser absorvido pelo intestino humano.

O ARTIGO Que tem como título “Cisticercose do Sistema Nervoso Central em Crianças” também tem como autores os professores da Faculdade de Medicina da USP de Ribeirão Preto, Dr. Ricardo Santos Oliveira e Dr. Benedicto Oscar Colli, além do presidente da ISPN, Dr. José Francisco Manganelli Salomão.

INFECÇÃO Doutor Ballestero explica que a Neurocisticercose é uma infecção do Sistema Nervoso Central causada pela Taenia solium, parasita encontrado na carne de porco que pode ser absorvido no intestino humano por meio de carne suína mal cozida. O contágio também pode ocorrer por meio de contato com fezes humanas contaminadas, água não tratada e mãos sujas. “É a infecção parasitária mais comum do Sistema Nervoso Central. Em alguns países cerca de 30% dos casos de epilepsia são causados por Neurocisticercose”. (Valda Rocha jornalista-assessora)


04

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

Todos têm

alma?

A

(*) José Renato Nalini

diferença substancial entre o homem e os demais animais deveria revelar, na criatura humana, a presença de um princípio vital. Aquilo que não poderia ser mero fruto da evolução, a alma. Qual a origem do corpo humano? Não difere daquela constatável entre os outros animais. Mamífero, deriva de alguma coisa que já foi identificada como forma desconhecida e inferior. Quem não se recorda do que nos chocou: “o nosso mais próximo antepassado foi um quadrúpede piloso, fornecido de cauda e de orelhas pontiagudas, que vivia no antigo mundo, habitando provavelmente as árvores”. Em síntese, o homem é o macaco que perdeu a cauda e, em alguns exemplares, um pouco de pelo. Não se cuida de revolver as hipóteses sustentadas por Mivart, Guillemet, Zahm e Leroy, que se acercam do evolucionismo.

AFINIDADE A maior do que aquela que se não encontra em relação a seres de nossa espécie que não se condoem com o sofrimento dos semelhantes submetidos a situação terrível, por força da pandemia. Para eles, mortes são números. Cifras, das quais as mais importantes são as da economia. Preocupam-se com a retomada a qualquer custo, desatentos à severa advertência dos cientistas. Pensam nos lucros, na contabilidade, na preservação dos negócios. Esquecem-se de que deveríamos ser mais humildes, a reconhecer nossa fragilidade e impotência diante de uma finitude tão vizinha.


JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

05

DOCENTE DA UNIARA ABORDA

DIMINUIÇÃO

DAS ABELHAS

P

alavra da professora Ana Carolina Buzzo Marcondelli: “Em nível mundial, as abelhas estão desaparecendo, e não é um fenômeno sobrenatural, mas antrópico. Infelizmente o excesso de agrotóxicos nas lavouras utilizados para controle de pragas, mas, lamentavelmente não são específicos e também acabam matando outros insetos, dentre eles, os polinizadores, como as abelhas. Outros fatores considerados são as mudanças climáticas e o desmatamento seguido pelo plantio de monoculturas”, contextualiza a docente. Ela explica que as abelhas, entre outros animais, são responsáveis pela troca de grãode-pólen entre as flores. “Esse mecanismo é uma grande ‘sacada’ evolutiva, pois permitiu, entre as angiospermas - plantas que apresentam flores e frutos -, a variabilidade genética, importante para o estabelecimento da espécie no planeta. A consequência da polinização é a produção de frutos, que são alimentos não só para nós como também para outros animais. Sem a presença de polinizadores, a produção de alimento cairá significativamente, causando fome e consequentemente morte. Sem animais para dispersarem as sementes dos frutos que comeram, não há germinação de plantas, que não florescerão e não produzirão frutos, ou seja, é uma devastação em cadeia”, alerta.

(continua à página 11)

ARARAQUARA “Já houve um projeto que lei de um vereador que proibia a aplicação de agrotóxico por pequenos aviões, mas infelizmente não houve aprovação. O que precisamos é realmente pressionar o poder público em relação ao uso de agrotóxicos em lavouras, principalmente quanto ao excesso, pois sem esse controle também não teremos alimento. Na cidade deve-se incentivar o plantio de árvores, que atrairão os polinizadores”.


06

Wilson

Silveira Luiz

e equipe

A

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

COPA PAULISTA, CLASSIFICAÇÃO “SUADA”

Ferroviária obteve sua classificação para a etapa “mata-mata” da Copa Paulista com 1 a 1 contra Comercial, última quarta-feira, na Arena da Fonte. Por ter ficado fora do grupo dos 8 primeiros classificados, a AFE fará jogos decisivos contra o Botafogo. Primeiro jogo na Arena da Fonte neste domingo e a partida decisiva, em Ribeirão Preto.

BRASILEIRO DA “SÉRIE D”

Já classificada para a etapa seguinte do Campeonato Brasileiro da Série D, a AFE recebe neste final de semana, a equipe do Nacional de Rolândia-Paraná. Os grenás precisam de uma boa vitória para melhorar principalmente o saldo de gols.

SUB-20 MASCULINO DA AFE

O time comandado por Léo Mendes faz ótima campanha no certame promovido pela Federação Paulista de Futebol. Na última segunda feira a equipe derrotou o Comercial de Ribeirão Preto por 3 a zero, garantindo o primeiro lugar em seu grupo com 13 pontos. Em segundo está o Comercial com 8. Em terceiro o Linense com 7 e, em último, o Inter de Bebedouro que ainda não pontuou. Na segunda feira (30) a AFE encerra sua participação na primeira fase, enfrentando o C.A. Linense.

HANDEBOL, BOA PARTICIPAÇÃO

As equipes femininas de handebol da Fundesport obtiveram resultados expressivos no certame paulista, na cidade de Arujá. Na categoria adulto feminino, Araraquara ficou em 3º lugar e na categoria júnior, 5º lugar.

ARARAQUARA JOGA PARA MANTER A LIDERANÇA

Neste domingo(29), às 10h, a equipe adulta feminina da

Fundesport/Araraquara encara São João da Boa Vista pela fase classificatória da APV (Associação Pró-Voleibol). Na partida de ida, Araraquara venceu por 3 sets a 1. A partida de volta vale a liderança da competição. Caso vença, as meninas do técnico Eduardo Zambone decidem a competição em casa, no segundo jogo, pois a equipe já está classificada para a final. A provável equipe: Duda Santos, Natália Rosado, Júlia Freire, Taíse Martins, Luiza Luna, Kimberly Almeida, Helena Oliveira, Eduarda Augusto, Nicole Polegato, Larissa de Castro, Helena Castro, Lauany Fagundes, Karo-

liny Ribeiro, Nayara Almeida, Natasha Holzhauser e Luana Nascimento. A comissão é formada pelo técnico Eduardo Zambone, pela assistente Jucerlei Tilcailo e fisioterapeuta Amanda Soler.

FUNERÁRIA ALMEIDA

+ YOLANDA CASSIMILIANO BALDERAMA, 96 anos. Sepultada, dia 19, Cemitério das Cruzes.

+ YCTOR EDUARDO VITÓRIO DA SILVA, menor. Sepultado, dia 21, Cemitério das Cruzes.

+ IVANIR RODRIGUES DA COSTA, 83 anos. Viúva Maria Argentina Dote da Costa. Sepultado, dia 22, em Nova Europa.

+ JOSÉ ROBERTO VILELLA, 51 anos. Sepultado, dia 23, Cemitério das Cruzes.

Na Moldura

+ REGINALDO DA SILVA MOREIRA, 44 anos. Viúva Josimara Aparecida Rebullo. Sepultado, dia 23, Cemitério das Cruzes.

+ ISABEL CRISTINA DE OLIVEIRA SILVA, 55 anos. Sepultada, dia 25, Cemitério São Bento.

+ EURIPEDES APARECIDO FRANCISCO, 71 anos. Viúva Josefina Souza Silva Francisco. Sepultado, dia 26, em Pontal.

FONTERI

+ CLOVIS MARQUES DA SILVA, 74 anos. Sepultado, dia 19, em Américo Brasiliense.

+ ADEMAR AUGUSTO DE LIMA, 78 anos. Sepultado, dia 21, em Nova Paulicéia.

Reunimos nesta edição quatro esportistas de Araraquara: Benedito Reginaldo Viviani (Tetê), Domingos

Carnesseca Neto, Adilson Custódio (Fafau) e Denilson. Gente que gosta do esporte. Homenagem do J.A.

+ ODISSEIA GONÇALVES DE ANGELO, 87 anos. Sepultada, dia 21, Cemitério São Bento.

+ SUZANA ALVES DE FRANCO, 86 anos. Sepultada, dia 22,

Cemitério São Bento.

+ VIRGILIO BISPO DOS SANTOS, 92 anos. Sepultado, dia 23, Cemitério São Bento.

+ MARCO ANTONIO BRUNO FUENTES, 43 anos. Sepultado, dia 23, Cemitério São Bento.

+ ALZIRA DE JESUS GONÇALVES GARCIA, 79 anos. Sepultada, dia 24, Cemitério São Bento.

+ EUNICE PAULINO PIRES IANE, 76 anos. Sepultada, dia 25, Cemitério Parque da Ressurreição.

+ MARCILIO DA COSTA JONAS, 88 anos. Sepultado, dia 25, em Nova Paulicéia.

+ PAULO DOTTI, 76 anos. Sepultado, dia 26, Cemitério das Cruzes.

+ GENOENA MARIA FLORÊNCIA PEREIRA, 81 anos. Sepultada, dia 27, Cemitério São Bento.

MICELLI

+ OLINDA DO CARMO SAKALAUSKAS ESCAMILHA, 73 anos. Viúvo José Alberto Escamilha. Sepultada, dia 18, Cemitério Ressurreição.

+ MARIA DE LOURDES DO VAL EPISCOPO, 90 anos. Sepultada, dia 21, Cemitério São Bento.

+ TATIANA LOPES MARTINS SOUZA, 40 anos. Sepultada, dia 22, em Américo Brasiliense.

+ MARIA APARECIDA FRANCA ALVES, 87 anos. Sepultada, dia 24, Cemitério São Bento.

Às famílias enlutadas o pesar do J.A.


07

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

O

Segredo (the Secret) livro de Rhonda Byrne, fenômeno editorial, é uma nova leitura de verdades universais que sempre existiram. Fala de forma diferente, brilhante e inteligente o que vem sendo dito e afirmado por centenas de anos quanto à força do pensamento (positivo ou negativo). Afirma que o Grande Segredo da Vida é a lei da atração pela qual semelhante atrai semelhante. Portanto, quando se tem um pensamento, está ao mesmo tempo atraindo pensamentos semelhantes para si. E fatos na mesma forma e intensidade. Os pensamentos (ensina o livro) são magnéticos e têm uma frequência. Quando se pensa, os pensamentos são emitidos no Universo e magneticamente atraem todas as coisas semelhantes que estão na mesma frequência. Tudo o que é vibrado e emitido volta para a fonte. Todo ser humano é como uma torre de transmissão de energia, transmitindo numa frequência com os seus pensamentos. Se alguém quiser mudar qualquer coisa em sua vida, é preciso mudar a frequência mudando os pensamentos.

Há muito tempo se sabe que o homem é a soma dos seus pensamentos. Há uma frase na Bíblia que diz: “escolha neste dia a quem vai servir”. A felicidade é um estado de espírito criado pelo pensamento. É uma escolha. O magnetismo humano, força vital ou nêurica, é um fluido sutil e invisível que procede do sistema nervoso, acionado pelos pensamentos. Conforme Bob Proctor, men-

O ENIGMA

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

Texto: João Baptista Galhardo

cionado no livro, a lei da atração funciona, quer se acredite nela ou não, quer a entenda ou não. A lei da atração é a lei da criação. Pedir, acreditar, visualizar e sentir a meta como já alcançada, para realmente conseguir. Esse o enigma desvendado. Os físicos quânticos dizem que o Universo inteiro surgiu do pensamento! E o universo é energia pura. Cada um cria sua vida por meio de seus pensamentos e da atração. Uma energia qualificada. Todos fazem isso. Ela sempre funcionou ao longo da história. Quando se torna consciente dessa grande lei, cada um se torna consciente de que é incrivelmente poderoso por ser capaz de criar sua vida pelo ato de PENSAR. Prudente, inclusive e principalmente com os seus pensamentos. Evitar frases de negativismo como “hoje vai ser um dia negro”. “Tudo vai sair errado”. “Não consigo”. “Todos estão contra mim.” “O negócio está ruim”. “Vai piorar”. “Chego sempre tarde”. Vivendo num mundo onde se avolumam os vícios da droga, da mentira, da corrupção, da inveja, do roubo, da maledicência, da desídia, da inércia, da preguiça, da cobiça, da ira, da soberba e outros tantos, o homem precisa ter coragem para ser bom, honesto, justo e prudente. “Nunca tenho oportunidade”. “Eu não deveria ter escolhido esta profissão”. “Ele pode, mas eu não posso”. “Sou perseguido”. “Só tem ladrão”. Marco Aurélio, sábio romano dizia: “a vida de um homem é o que seus pensamentos constroem”. Emerson, notável filósofo americano afirmava: “o homem é aquilo que ele pensa durante o

dia inteiro”. O Segredo está em saber pedir, acreditar e receber. São Marcos ensina: “se podes crer, tudo é possível ao que crê”. Entretanto para que o homem tenha pensamentos bons é preciso antes de tudo se despojar de ressentimentos. Se alguém maldosamente causou mal a alguém, deve ser por este simplesmente deletado, colocado na lixeira. Não permitir que ele inspire rancor ou ódio. Ignorado sim. Odiado não. Deve-se afastar dos temores, da má vontade, dos aborrecimentos e da desorganização, ingredientes principais de que se serve o processo criador da infelicidade. E antes de tudo ter coragem e energia para agir, sob pena de patinar sem sair do lugar. Um rato não saía de casa porque tinha pavor do gato. Um mágico o transformou num gato. Passou, então, a temer o cachorro. Transformado num cão passou a temer a pantera. Transformado numa pantera tinha medo de caçador. Nessa altura o mágico lhe devolveu a forma originária de rato. “É isso que

você é. Enquanto não mudar seu comportamento a sua coragem será tão somente a de um rato medroso.” É preciso saber solicitar para o Universo e confiar no que pediu para finalmente receber. Como na parábola conhecida: um viajante caminhava pelas margens de um grande lago. Imaginava como chegar do outro lado, o seu destino. Enquanto fixava o olhar no horizonte, a voz de um homem de cabelos brancos quebrou o silêncio, oferecendo-se para transportá-lo. Era um barqueiro. O pequeno barco envelhecido, no qual a travessia seria realizada, era provido de dois remos de madeira de carvalho. O viajante reparou que num dos remos estava entalhada a palavra acreditar e no outro agir. Perguntou ao dono do barco a razão do nome dado aos remos. O barqueiro pegou o remo no qual estava escrito acreditar e remou com toda força. O barco, então, deu voltas sem sair do lugar. Em seguida pegou o remo em que estava escrito agir e re-

mou com todo vigor. O barco girou em sentido contrário, em torno de si mesmo, sem ir adiante. Finalmente, o velho movimentou os dois remos ao mesmo tempo, e o barco, impulsionado por ambos os lados, navegou pelo lago, chegando calmamente à outra margem.

E aí o barqueiro disse ao viajante: -este barco pode ser chamado de autoconfiança. A margem é o marco que desejamos atingir. Para que o barco da autoconfiança navegue seguro e alcance a meta pretendida, é preciso que os remos agir e acreditar, sejam usados ao mesmo tempo e com a mesma intensidade. jbgalhardo@uol.com.br


08

M

Na memória, muitos tiros de fuzis

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

oradores se assustaram na madrugada dessa terça-feira(24) e imagens de câmeras estão sendo analisadas pela polícia. Em foco, as-

salto a agências bancárias da região central de Araraquara e ataque ao 13º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I). O prefeito Edinho visitou o

13º B.P.M. a fim de verificar danos estruturais que serão recuperados. O chefe do Executivo e comandante do 13º BPM/I, tenente-coronel Luiz Sérgio Mussolini Filho abriram câmeras e informações para elucidar fatos.

Ingredientes

1 abacaxi grande em pedaços 1 xícara de açúcar 1 lata de leite condensado A mesma medida de leite 1 lata de creme de leite sem o soro 2 ovos 2 colheres de amido de milho Coco ralado em flocos

MADRUGADA TENSA A ação dos criminosos, por volta das 2h de terça-feira, assustou moradores: parte da quadrilha atacou o 13º Batalhão, na Vila Ferroviária. Veículos foram queimados na rua do batalhão,

Pavê de Abacaxi Modo de Preparo

Junte o abacaxi e o açúcar e cozinhe até ficar macio e reserve. Leve ao fogo o leite condensado, leite, amido de milho e as gemas. Cozinhe até formar um mingau, reserve. Bata as claras em neve, junte o creme de leite mexendo lentamente (não usar a batedeira).

fechando o acesso. Simultaneamente, outra parte dos criminosos tentou assaltar as agências bancárias no Centro, ao lado da Igreja Matriz de São Bento, não se sabendo o quanto foi subtraído.

Montagem:

Em um refratário, coloque o abacaxi, creme de amido e por último acrescente as claras em neve, jogue o coco ralado e leve ao congelador para dar uma leve endurecida. Sirva em seguida e bom apetite.

Preparo: 60 min - Rendimento: 20 porções


JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

09


10

A

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

A PRODUÇÃO DE ALUNOS DA UNIARA ESTÃO NO SHORTLIST DO FESTGRAF

premiação online será dia 9 de dezembro, a partir das 20h, com transmissão pelo YouTube - www.youtube. com/appribeirao. “The Society” desenvolvido pelos estudantes Allan Felipe Vicente e Carolina Yumi pode ser visualizado no link https://bit.ly/ 2HkhKG8. “Contamos com uma parceria colaborativa de uma aluna de Design de Moda da Uniara, Anna Marchini, ajudou a organizar o figurino dos modelos apresentados. “The Society” é a busca por pessoas que expressam opiniões diversas e lutam por representatividade na universidade. “Assim, convidamos estudantes da própria instituição, de diferentes grupos, para se expressarem e

O

se posicionarem. Por meio de um conceito visual moderno, desenvolvemos um trabalho com elementos visuais, design e fotografia expressiva para gerar uma provocação necessária. Tivemos buzz positivo, com compartilhamentos e conversas sobre o tema.

“SEJA DOADOR” Outro trabalho, criado pelo aluno Felipe Pompermayer Perin pode ser visualizado no link https://bit.ly/38WEXtp. Ele explica que a “campanha tem como principal foco dar visibilidade de forma simples e criativa a doação de órgãos, assunto de extrema importância e que é pouco falado e divulga-

do pela população”.

“VIDAS NEGRAS IMPORTAM” O terceiro trabalho, disponível no link https://bit.ly/391grXY, desenvolvido pela agência experimental “Sinergia Comunicação”, que além de Felipe, tem como integrantes os alunos Ana Júlia Jacob de Menezes, Ane Caroline Franco Tuda e Beatriz Maria Costa Soares. Perin ressalta que “o tema do trabalho que nos foi dado eram propagandas polêmicas”. Baseados nisso escolhemos o racismo, por ser um tema indiscutivelmente atual e necessário conforme o cenário mundial.

pósio Internacional de Iniciação Científica e Tecnológica da USP – SIICUSP. Explica que o “SimpleMarathon” é um “sistema que gerencia maratonas de programação, usado na 2ª Maratona de Progra-

CONGRESSO

PROCESSO SELETIVO

rofessor da Uniara ministra minicurso no XXIII Congresso Brasileiro de Automática. Para Francisco Javier Triveño Vargas o minicurso foi sobre “Álgebra Computacional: Aplicações em Modelagem, Simulação e Controle para Engenharia. Conteúdo apresenta fundamentos para se obter modelos matemáticos e avaliação em diferentes condições de operação e linearização.

Programa de Pós-Graduação abre inscrições para seu mestrado, nas áreas de concentração em Implantodontia (oito vagas) e Ortodontia (quatro vagas). Os interessados devem acessar o link http://twixar.me/65gm, onde está disponível o Edital.

volvimento metodológico de pesquisa de qualidade, escrita científica, didática, oratória, visão crítica e atuação clínica interdisciplinar, com ênfase em tecnologia e inovação científica, preparado para atuar como professor, pesquisador, palestrante e clínico diferenciado, tanto em instituições de ensino quanto em empresas ou clínicas particulares.

P

YouTube

Trabalhos de alunos de Publicidade da UNIARA e cerimônia de premiação no dia 9 de dezembro, a partir das 20 horas PRÓXIMO DO REAL Para a coordenadora do curso, Eduarda Escila Ferreira Lopes, “a importância do evento se dá no fato de que nos sentimos um pouco mais próximos da realidade, das expectativas do mercado profissional”.

Sistema de Informação

aluno do quarto ano do curso de Sistemas de Informação da Universidade de Araraquara – Uniara, Davi Parca Bezerra, apresentou, via vídeo, o trabalho “SimpleMarathon” no 28º Sim-

Aluno Davi Parca Bezerra

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

OBJETIVO Formação de um profissional capacitado no desen-

mação da UNIARA, em 2019, e reduziu o trabalho dos organizadores em 16x quando comparado à primeira maratona”. O coordenador do curso, José Eduardo Ribeiro, conta que “a par-

ticipação do Davi mostra o tanto de coisas boas e importantes que fazemos dentro da universidade particular, que pode competir a altura com alunos de universidade públicas”.

VISITAS GUIADAS

O

curso de Biologia da UNIARA agenda interessados na graduação, visitas guiadas individuais. Os interessados podem agendar a visita pelos e-mails biologia@uniara. com.br ou tkmuraoka @uniara.edu.br, ou telefone/WhatsApp (16) 98216-7875. “Falo com os candidatos sobre o curso, faço o convite e combinamos o horário

conhecer laboratórios e como funciona a graduação - aulas práticas, saída a campo e projetos de pesquisa e extensão desenvolvidos”, explica a coordenadora do curso, Teresa Kazuko Muraoka. Informações sobre a graduação de Biologia no www.uniara.com.br ou telefone 0800 55 65 88.


JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

11

Velocidade

& valor

O

(*) José Renato Nalini

novo é a velocidade, que os fenícios, precursores da globalização, desconheceram. Costuma-se examinar a mundialização sob enfoque econômico. Porém, suas consequências psico-socioculturais. Aceleram-se as diluições de limites, que se minimizam, com nítida redução do autocontrole. A velocidade é abrangente. As metamorfoses em todos os aspectos da vida humana estão num ritmo que dificulta, senão inibe a absorção e acomodação decorrentes da modificação dos valores.

AVANÇO Está na publicidade, nas embalagens, na televisão, no celular, em todas as bugigangas eletrônicas que inundam o planeta. O Brasil é uma evidência disso: são quase 270 milhões de mobiles para uma população de cerca de 210 milhões de habitantes. As conquistas tecnológicas obrigam as pessoas a participar. A esperança era a de que essa revolução profunda viesse a aproximar as pessoas, tornando-as mais solidárias e mais próximas. Não é o que se vê, ao menos como regra. Esse o desafio que o tsunami digital suscita às pessoas de bem e sensíveis à depauperação dos costumes. Velocidade é inevitável e salutar desde que não comprometa valores que, incrustados na alma das criaturas, confere dignidade e qualidade de vida aos peregrinos desta sofrida Terra. (*) Reitor da UNIREGISTRAL, docente da Pós-graduação da UNINOVE, advogado e Presidente da ACADEMIA PAULISTA DE LETRAS.


12

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br


SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

13

Santa Lúcia vive bons

momentos com

prefeito Luizinho

A reeleição tem duplo valor: aprovação do mandato e confiança em outro com o compromisso de deixar o povo feliz.

Dirceu Pano agradece a reeleição

A dupla ameriliense agradece votação e se coloca ao dis-

por da coletividade objetivando 4 anos de progresso.

Parabéns aos aniversariantes de Américo Brasiliense

21- José Brito Luppi, Isabella Pereira Oliveira, Olga Zbeidi 22- Marco Aurélio Giboti Godoy 24- Denis Augusto Franciscato, Isabela Ribeiro dos Santos e Mercia Isabel Gibotti 25- Angélica Soares de O. Dias, Fátima Regina Lourenço Alves 26- Eliane T. de Godoy, Marcio Roberto de Oliveira e Marcelo Ronaldo de Oliveira

27- Antonio Ferreira V. Neto, Luiz Bombarda Neto e Isabela Salvino Uzone 28- Carlos Crescenzio Junior e Edimea Rebelo Conrado 29- Elisandra dos Santos, Ana Julia Franciscato e Vitório Rando Paulino 30- Mariana Pires 01- Rosemeire Joaquim Zambom 02- Jofre Francisco Carneiro 04- Aline Oliveira Dias, Mainá Ventura Simões, Gesemberg Robledo

Luizinho Noli agradece a população: “estamos juntos”.


JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

Te s t e o s e u Po r t u g u ê s ( 6 1 8 )

14

Prof.ª Dr.ª Terezinha de Jesus Bellote Chaman (*)

tássemos mais atenção no caminho a ser traçado. As vitórias, essas sim, nos encheram de alegria, mas sem perder a devida humildade. Vitórias são importantes, mas ainda o HOMEM é mais importante. Todos os tropeços servem (quem sabe usá-los) para se alcançar um outro degrau.

) exacampeão; ) hexacampeão.

02 - Aponte a frase mais adequada: a - O pessoal do mensalão são tudo onesto? b - O pessoal do mensalão é tudo onesto? c - O pessoal do mensalão são todos honestos? d - O pessoal do mensalão é todo honesto?

03 - Nesta Copa do Mundo, vamos ficar sem Ronaldo, o ___________. a ( ) fenômenu; b ( ) fenômeno; c ( ) felômeno; d ( ) fenômino.

04 - Foi péssima a __________ do jogo no Mobumbi. a ( ) arbitrage; b ( ) arbitraje; c ( ) arbitragem; d ( ) arbitrajem.

Tudo que foi dito faz-me lembrar o que disse certa vez Mahatma Gandhi: “O Homem e seus atos são coisas distintas. Enquanto a boa ação deve provocar aprovação, e a má, desaprovação, o autor dela, boa ou má, é sempre merecedor do respeito, ou da pena, conforme o caso. ‘Odeie o pecado, mas não o pecador’ é um preceito que, embora de fácil entendimento, é raramente praticado. Eis por que o veneno do ódio se espalha pelo mundo”.

Uma pequena, mas valiosa citação de Gandhi. Não desejo que você tropece em 2021. Mas, se isso acontecer, perdoe ou seja perdoado, tenha paciência, a vitória estará próxima. E o final da pandemia também. Teste o seu Português

01 - Na Copa do Mundo, qual o único país que é __________? a ( ) exa-campeão; b ( ) hexa-campeão;

05 - Depois de tomar um _________, aquele cidadão saiu do bar andando em ______________. Que lamentável! a ( ) porri - zigui-zague; b ( ) porre - zigue-zague. 06 - É gostoso quando vemos o “Chef” Allan ser recebido com __________,nos lugares em que chega.

a( b( c( d(

) ) ) )

ezultasão; ezultação; exultação; exultasão.

07 - Graças a Deus, em 2010, estou _________ de pagar imposto de renda. a ( ) insento; b ( ) isento; c ( ) inzento; d ( ) izento. 08 - Não via a hora de chegar junho, só para comer ________ e ___________! a ( ) quebra-queixo - paçoca; b ( ) quebra-queicho - passoca; c ( ) quebraqueixo - pasoca.

09 - Qual a forma adequada de dizer: a - D. Maria Amélia ela vai pedir uma autógrafo. b - D. Maria Amélia vai pedir uma autógrafo. 10 - O palhaço aprontou um verdadeiro _____________ no circo. a ( ) qüiproquó; b ( ) qüiprocó; c ( ) qui-procó; d ( ) quiproquó.

(*) Pesquisadora do GEPEFA - Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Famílias.

RESPOSTAS:

Mais uma vez chegamos ao final de um ano: 2020. Ano muito difícil, diferente, atípico, mas, mesmo assim, de muito trabalho, muita luta, alguns tropeços e algumas vitórias. Agradeçemos a DEUS os tropeços e as vitórias. Os tropeços fizeram com que ficássemos mais “espertos” e pres-

c( d(

Resp 1.: d - Na Copa do Mundo, qual o único país que é hexacampeão? Hexacampeão (= seis vezes campeão). Resp 2.: d - O pessoal do mensalão é todo honesto? Resp 3.: b - Nesta Copa do Mundo, vamos ficar sem Ronaldo, o fenômeno. Fenômeno (= pessoa que se distingue por algum dote). Resp 4.: c - Foi péssima a arbitragem do jogo no Mobumbi. Arbitragem (= julgamento). Resp 5.: b - Depois de tomar um porre, aquele cidadão saiu do bar andando em zigue-zague. Que lamentável! Cf. Volp 2009 à p. 856 Porre: coloquial (= bebedeira). Ziguezague (= movimento sinuoso). Resp 6.: c - É gostoso quando vemos o “Chef” Allan ser recebido com exultação, nos lugares em que chega. Exultação (= alegria, júbilo). Resp 7.: b - Graças a Deus, em 2010, estou isento de pagar imposto de renda. Isento (= livre de). Resp 8.: a - Não via a hora de chegar junho, só para comer quebraqueixo e paçoca! Quebra-queixo (= puxa-puxa). Cf. Volp 2009 à p. 691. Paçoca (= doce de amendoim). Resp 9.: b - D. Maria Amélia vai pedir uma autógrafo. Resp 10.: d - O palhaço aprontou um verdadeiro quiproquó no circo. Quiproquó (= confusão, desordem).

“No casamento, as pessoas precisam se conhecer pelo avesso; do contrário, não saberão e não conseguirão suportar-se”.

OBS.: Colunista semanal dos jornais Diário do Grande ABC (SP) e Jornal de Araraquara (SP), Jornal Independente - Dois Córregos (SP), Tribuna do Norte Natal (RN), Jornal de Nova Odessa (SP), Diário da Franca - Franca (SP) e Diário de Sorocaba - Sorocaba (SP) - Jornal de Itatiba - Itatiba (SP) - O Liberal Regional Araçatuba (SP) - Diário da Serra - Tangara da Serra (MT) - Gazeta Penhense - Penha/SP - Gazeta do Ipiranga/SP.


JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

15

Parabéns aniversariante 27- Francisco Neves Filho, Marcelo Eduardo Vanalli, Mario Sérgio Ota, Carlos Alberto Sigolo, Gênesis de Souza, Elza Rodrigues Vianna, Rogério de Freitas Nardes e Rogério de Freitas Mendes 28- Marcelo Jorge Harb, Laércio A. C. Neves, Rodolpho César Magalhães, Márcia Yuri Yamada e Ronaldo Vitame. 29- Cláudia Carnicelli Spadaccini, Benito Ricardo Primiano, Luis Henrique Brandão Falcão, Ana Helena Alves de Lima e José Soares de Brito Neto.

30- Júlio César de Fárias Grilo, Flávio Cappato, João Roberto Prudente, Ailton Geraldo Benincasa, Rosicler Aparecida Padovani da Silva, Sérgio Ricardo Garcia, José Roberto Padovane, Marcos Henrique Crisci, Marcos Volpe, Araci Casunatto Rosa, Régis Dantas, Francisco José Santoro, Luciano Constantino Bortolozzo e Rubens Augusto Costa. 01- Marcus Vinícius, Valcir Carrasco, Gilmara Ap. da Silveira Lima, Carlos Henrique Torresani Ardito, José S. Mendonça Gomes, Fernando de Oliveira Ferreira, Heber Cândido Pereira, Orlando Carrara Júnior e Oswaldo César Eugênio

02- Gisele Matioli de Oliveira, Rinaldo Venâncio de Matos, Isaias José da Silva e João Augusto Capelari.

03- Reinaldo José Costa, Adriano Borges, Paulo Roberto Marquesi, Francisca Regina Machado Michetti, Valny Laurini, Michel Nasser e Elisabete de Araújo Berni. 04- Marcelo Deliza, Eunice Martins B. Vitória, José Devanil Carrascossi, Maria Lúcia da Costa Prebil e José Janone.


16

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

SÁBADO E DOMINGO 28 E 29 DE NOVEMBRO DE 2020

Gepol

1

PARECE INCRÍVEL, mas, merece explicação. A Rua Padre Duarte, conhecida Rua 4, teve o leito ro-

dante diminuído em razão de uma variante dos Ônibus Elétricos. Quando tínhamos a eletricidade movendo unidades boas e confortáveis. Sem poluição e bem administrado.

2

ÔNIBUS TRAFEGAVAM PELA RUA 9 DE JULHO. Era o itinerário de todos os dias, mas, a

mesma rua servia para desfile cívico e outros eventos sociais. Essa a razão de se buscar um jeito para não paralisar o sistema de transporte coletivo. O diesel estava só esperando a chance.

3 COMO ALARGAR O LEITO DA RUA 4? Diminuição das calçadas foi maneira encontrada para atender ao interesse da população. Por muitos anos funcionou, até que a eletricidade atingiu preço absurdo e alguns subsídios deixaram de ser oferecidos. Ficou caríssimo o transporte praticamente inviabilizado, exigindo outra decisão.

4 TRANSPORTE CARO E MANUTENÇÃO DIFÍCIL. Os dirigentes da C.T.A. (Companhia Tróleibus Araraquara) optaram pelo fim do sistema elétrico, retornando ao diesel. Isso mostrou a falta de sintonia das pessoas envolvidas no processo, desde a CPFL com pessoal da direção em Campinas. Ela, empresa modelar, era dona do recheio do bolo. Na verdade os subsídios não deveriam ter sido encerrados, um disparate administrativo.

5

CICLOVIA EXIGE ESTUDO URGENTE. Não precisa obrigatoriamente ser construída nas laterais das ruas ou avenidas. Mas devem motivar os ciclistas para um passeio gostoso e limpo. Portanto, pode-se pensar em estudar a colocação no meio da rua priorizando a segurança dos

usuários. Uma campanha permanente para seu uso não deve ser dispensada.

6

PONTOS DE APOIO TAMBÉM NECESSITAM DE CONSTRUÇÃO PLAN EJADA. O lugar certo e policiado para se guardar bicicletas e servir para os condutores cuidar da higiene em horas pouco administráveis. E banheiro limpo é essencial ao lado de cabine telefônica e um barzinho para matar a sede. Quer dizer, haverá espaço para empreendedorismo.

7 APOIO PARA CICLISTAS PODE AMPLIAR A VIDA SEGURA E GOSTOSA. Cuidar da saúde dos praticantes, com excelente infraestrutura e serviços, é a pedida sem olvidar o lazer. Como se nota, a gestão de Araraquara, nessa etapa terá nova dimensão. É o momento de se pensar na qualidade de vida e administrar o perímetro urbano, sem a preocupação de alongamento de qualquer jeito. Qualidade em primeiro lugar...

8 JOÃO BAPTISTA GALHARDO E SEU ENIGMA. Uma leitura imperdível , um texto envolvente e que permite matar a saudade daqueles textos que semanalmente eram oferecidos aos leitores do J.A. com a assinatura do laureado escritor, dono do primeiro Cartório de Registro de Imóveis. Venha sempre Dr. Galhardo e obrigado.

Profile for Jornal  de Araraquara

Jornal de Araraquara  

Jornal de Araraquara  

Advertisement