Page 1

JORNAL DE ARARAQUARA  A

M E L H O R

F O T O G R A F I A

D A

S E M A N A 

Beliscão do prefeito Marcelo repercute: V. Merlos deveria devolver R$ 128 mil Ed. Nº 1.030 - Araraquara, 19 e 20 de janeiro de 2013

www.jornaldeararaquara.com.br

Diretor: Geraldo Polezze

R$ 2,00

Quanto custa um

nome limpo?

Prefeito Marcelo Barbieri, deputado estadual Roberto Massafera e comitiva em audiência com diretora do Centro “Paula Souza” e Fatec, Laura Laganá. Página 12

Veículo Leve sobre Trilhos é opção A

palestra “Mobilidade Urbana - Veículo Leve sobre Trilhos”, nesta semana, tirou dúvida de um auditório convidado pelo vereador Elias Chediek. Afinal, a saída dos trilhos permitirá 1,2 milhão de m2 de área que merece ser inteligente e ambientalmente utilizadas para sustentação da vida araraquarense. A Conferência, ministrada pelo Professor Doutor Eduardo Gonçalves David, apresentou detalhes sobre a implantação do Veículo Leve sobre Trilhos - VLT na cidade de Burgos (Espanha), que contou com sua participação. “Na Europa, algumas cidades são denominadas ‘civita’, pois, servem como modelo de desenvolvimento e respeito am-

Vereador e Engenheiro Chediek Neto faz saudação ao Prof. Dr. Eduardo Gonçalves David.

Apoio oficial:

biental. Burgos é uma dessas cidades”, explicou. David contou também que houve uma grande valorização imobiliária no local da implantação do VLT, pois o local recebeu, além da linha do VLT, um boulevard e uma ciclovia. Chediek lembrou que Araraquara vive um problema crescente de aumento da frota de veículos, com ruas estreitas. Assim, um sistema de transporte público moderno e eficiente seria saída para melhorar o trânsito na cidade. “Nós já temos os trilhos colocados, representam metade dos custos de implantação do VLT. Não podemos perder essa vantagem”, diz Chediek. (Assessoria de Gustavo Ballestero)

Massafera batalha Parque Tecnológico

D

Deputado Massafera com secretário do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado e coordenadora de Ciência e Tecnologia.

eputado estadual Roberto Massafera reuniu-se nesta semana

com o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia,

Luiz Carlos Quadrelli; e com a coordenadora de Ciência e Tecnologia, Desiree Zouain,

a quem solicitou a implantação do Parque Tecnológico de Araraquara. O prefeito Marcelo Barbieri já se comprometeu a destinar uma área de 200 mil metros quadrados para abrigar a instituição para qualificação de jovens que procuram ingressar no concorrido mercado de trabalho. Seu objetivo será incentivar a instalação e a formação de empresas de alta tecnologia e inovação científica, área que agrega potencial para a aproximação e implantação de unidades empresariais. Para o deputado Roberto Massafera, a vocação de Araraquara será na pes-

quisa e desenvolvimento de tecnologias na área de fármacos, química fina, nanotecnologia, plásticos, óleos vegetais e bio-combustíveis. Prefeito Barbieri já adiantou que vai trabalhar para que o projeto do Parque Tecnológico de Araraquara, impulsionado pelo deputado estadual Roberto Massafera e apoiado pelo governador Geraldo Alckmin. seja concluído no decorrer do seu segundo mandato que poderá ficar registrado na história de nova imersão em tecnologia. (Com assessoria de Ary Costa Pinto)

O carinho do Colégio Progresso começa no Maternalzinho (páginas 4 e 8)

O

s grãos de areia despedem-se da ampulheta marcando um tempo que urge para o bom nome político do ex-vice prefeito Valter Merlos. O empresário de sucesso (como veiculado na recente campanha eleitoral, preconizada como fiasco amador do início ao fim, serviu no entanto para matar amizade tachada de fraterna, além de outras ações abaixo da crítica), o líder que trombou com o prefeito Marcelo Barbieri não conseguiu sustentar campanha solo para apresentar imagem de bom gerente da cidade-natal. Não foi feliz, faltou quase tudo, mas, principalmente energia carismática. O fiasco é desculpável, não basta querer ser político moderno e eficaz, é preciso ser. Nada contra diferenças individuais que merecem respeito e acolhimento. Ser cobrado durante a campanha eleitoral, sem nenhuma resposta, até passa por questão estratégica. Mas, após o resultado das urnas, a cobrança tem efeito danoso, fere a cidadania e a resposta não deve ser olvidada. Em respeito à população que o acompanhou diariamente.

O que Valter Merlos tem como resposta?

Prefeito Marcelo Barbieri recentemente ao empossar secretários e chegando ao seu vice-prefeito (Dr. Coca Ferraz) sublinhou que “este vice vai trabalhar, não vai ficar em sua empresa ganhando salário que sai do bolso do povo”. (Pode ter havido palavra diferente, mas, o cerne foi esse: beliscar, alfinetar o ex-vice Valter Merlos que, após desentendimento com o chefe do Executivo acabou demitido (exonerado) da Secretaria do Desenvolvimento dando lugar ao ex-vereador José Roberto Cardozo. Isso em agosto de 2011). Não se trata de mensurar a pertinência do comentário, em solenidade no Poder Executivo, mas, s.m.j. exigir resposta lógica de Valter Merlos caso tenha interesse de espancar o fato gerador de sua vida de político profissional. Assim, sem discutir-se legalidade ou moralidades do recebimento de salário, via cofre público, vamos aos números: de agosto de 2011 a dezembro de 2012 são 16 meses que, multiplicados por R$ 8.000,00 (salário mensal), totalizam R$ 128 mil. Uma pechincha perto do potencial de riqueza e poder empresarial aflorados durante a campanha eleitoral que, desta vez, só deixou (editor) feridas...


02

OPINIÃO

SÁBADO E DOMINGO 19 E 20 DE JANEIRO DE 2013

Câmara

A Mesa Diretora de Araraquara restringe a utilização de fotocópias dos gabinetes de cada um dos 18 vereadores. Objetivo é evitar que os parlamentares realizem atividades estranhas ao trabalho legislativo.

Trilhos

A Câmara sediou palestra “Mobilidade urbana – Veículo Leve sobre Trilhos (VLT)”, com o engenheiro Eduardo Gonçalves David em encontro promovido pelo vereador Elias Chediek Neto. Na opinião de David, Araraquara poderá ser modelo de transporte ferroviário por possuir boa estrutura.

Ampliação

O Restaurante Popular de Araraquara, que atende em média 900 pessoas por dia, deverá ser ampliado. Obra no valor de R$ 390.869,57 a ser liberada pela Caixa Econômica Federal (CEF). Informação do secretário Valter Rozatto.

Defensoria

A partir de fevereiro a unidade da Defensoria Pública de Araraquara contará com mais dois especialistas na área criminal, passa a seis. Segundo a assessoria de imprensa do órgão “a Defensoria assumirá toda a área penal atuando na defesa tanto antes quanto pós julgamento”.

Recursos

A vereadora Edna Martins (PV) estará em Brasília, 23 e 24 deste mês, para buscar recursos a projetos de Araraquara. A agenda prevê visitas ao Ministério da Cultura e parlamentares.

Editorial

U

Mais diálogo

ma reunião regional, em Santa Lúcia, a fim de discutir meios para aumentar a arrecadação da Santa Casa de Araraquara para abrir o leque do atendimento, mostrou o amplo conhecimento da então secretária da Saúde de Araraquara, Dra. Regina Barbieri. Depois da exposição do provedor Valter Curi, sobre problemas enfrentados pelo hospital, coube aos representantes das prefeituras consorciadas desfilar dificuldade para liberar verba. Principalmente a escassez dos cofres públicos. Em meio à choradeira, significativa e perfeitamente compreensível, a Dra. Regina mostrou o mapa da mina com as fases que todos deveriam cumprir visando mais verbas aos pacientes. Deixou a bem preparada secretária, de maneira transparente, detalhes que o tempo e sensibilidade propiciaram como adorno de seu saber. Efetivamente não é fácil administrar o plano SUS, é como indicar passos para tirar lei-

A

te de pedra. Foi bom conhecer, no decorrer daquele encontro, a capacidade da secretária que deixa o posto araraquarense após bons serviços. Naquela reunião e em muitos episódios sobre a discussão do sistema unificado de saúde ficou visível que o diálogo era a grande ferramenta. Com pessoas do sistema, trabalhadores, enfermeiros e principalmente médicos, sempre num clima de reivindicação, nada absolutamente nada substitui a capacidade de argumentar, com respeito ao interlocutor. Truculência, como a possibilidade de ponto-biomédico para acompanhamento do contrato profissional colocando todos no mesmo patamar da desconfiança profissional, a fim de que seja cumprida jornada de 4 horas, não é bem-vinda. Antes, muita saliva e olho no olho, com a preocupação de adicionar parceiros, podem garimpar adesão qualificada para a tarefa humanizada de cuidar da saúde pública.

Flexibilização da CLT

relação trabalho / capital, desde muito tempo, pode ter sido convergente num clima social, mas, originariamente tem resquícios de antagonismo eis que os objetivos são diferenciados. O empresário Fabio Arruda Mortara, diretor da Fiesp, pela Folha de São Paulo, edição de 17 de novembro de 2012, página A3, faz comentário de extrema qualidade que atende ao interesse de nossos universitários, líderes classistas e leitores que discutem sobre o tema.

Fábio Arruda Mortara (*)

Em 1º de maio de 1943, quando assinou o decreto instituidor da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), o presidente Getúlio Vargas, protagonista de uma das ditaduras da República no século passado, certamente não imaginou que o Brasil democrático de 2012 estaria com pleno emprego e teria no capital humano sua melhor oportunidade de conquistar o desenvolvimento.

Se tal hipótese lhe tivesse ocorrido, talvez deixasse brechas no texto para futura flexibilização. Infelizmente, passados 69 anos, num Brasil e num mundo inimagináveis na década dos 40, continuamos com a legislação trabalhista de um tempo diferente. Nele, o homem travava a Segunda Grande Guerra e ainda não havia ido à Lua, a União Soviética era uma potência socialista, o Japão nem sonhava em ter economia próspera, a China era um regime comunista fechado, a Zona do Euro não existia, globalização nem figurava nos dicionários, computadores, internet e celulares eram ficção científica e as pessoas tinham de lutar muito para garantir um mínimo de respeito aos direitos individuais e coletivos. O anacronismo de nossa legislação trabalhista desrespeita a democracia e a prevalência do indivíduo e da sociedade sobre o Estado. O brasileiro não precisa ser tutelado! Por isso, é desconfortável constatar que as únicas mudanças até agora feitas na CLT a empurraram mais ao passado: contribuições sociais sobre verbas indenizatórias, incertezas dos nexos causais nas doenças profissionais, licenças ampliadas, novo avi-

so prévio e insegurança jurídica quanto ao trabalho à distância e/ou terceirizado. Além de extemporâneas, alterações a varejo não atendem à necessidade de atualizar leis. Precisamos de ampla e lúcida reforma trabalhista. Não é prudente nos apegarmos a uma situação de pleno emprego para nos resignarmos ao arcaico, pois há obstáculos persistentes. A taxa oficial de desemprego está em torno de 5%, mas três em cada dez trabalhadores seguem na informalidade. Além disso, a desigualdade de renda ainda é grande, são impetradas no Brasil cerca de dois milhões de ações na Justiça do Trabalho ao ano e país ocupa o 121º lugar no ranking do Fórum Econômico Mundial quanto à flexibilidade da lei trabalhista. Urge, portanto, modernizá-la, de modo que empresas e trabalhadores tenham força e articulação para promover o crescimento sustentado e solucionar problemas que conspiram contra a competitividade: burocracia, juros e impostos elevados, câmbio sobrevalorizado, infraestrutura insuficiente, saúde e educação precárias. É necessário resgatar a nossa competitividade ante a

concorrência estrangeira, pois as importações criam em outras nações empregos financiados pelo consumidor brasileiro, como ocorre com a impressão de livros de nosso país em gráficas chinesas. Dentre os avanços, é prioritário reduzir os encargos que empresas e trabalhadores recolhem ao governo, de modo que esse dinheiro engorde os salários e multiplique investimentos produtivos. A reforma trabalhista deve valorizar a liberdade de negociar, consagrada, aliás, na Constituição. Em vez de impositiva, é mais pertinente uma lei moderna que preserve os direitos, mas incentive o diálogo democrático. Sem dúvida, é por meio dessa postura madura e avançada, congruente com as demandas da economia mundial, cada vez mais competitiva, que continuaremos crescendo e desbravando nosso caminho ao futuro. (*) É empresário, diretor da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e presidente do Sindicato das Indústrias Gráficas no Estado de São Paulo (SindigrafSP) e da Associação Brasileira da Indústria Gráfica (Abigraf)

No site do J.A. (www.jornaldeararaquara.com.br), no ícone Edição Impressa, todas as páginas da semana. Com publicidade e tudo. Experimente!

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

Fatec

O prefeito Marcelo Barbieri e o deputado estadual Roberto Massafera reuniram-se com a superintendente do Centro Paula Souza e responsável pelas Fatecs, Laura Laganá. Ficou definido que a Fatec de Araraquara funcionará em sede própria. No início de fevereiro uma equipe técnica vem conhecer áreas que atendem às características exigidas.

Leishmaniose

Araraquara nunca teve registro de leishmaniose visceral (canina) em humanos. No entanto, neste mês a Secretaria do Meio Ambiente recebeu duas notificações da doença em cães. Um veio de Belo Horizonte e faleceu enquanto outro foi encontrado abandonado à beira da estrada estando no Centro Municipal de Controle de Zoonoses.

Contaminação

O secretário municipal de Meio Ambiente, José dos Reis, enfatiza que nenhum dos dois casos oferece condições para que se afirmar que o mosquito transmissor da doença está na cidade.

Monitoramento

O coordenador executivo da Defesa Civil, Edson Adalberto Alves, conta que desde novembro na ‘Operação Verão’ trabalha de forma mais intensa na prevenção de alagamentos.

JORNAL DE

ARARAQUARA

Publicação semanal da empresa “Jornal de Araraquara Ltda”. Editor: Geraldo Polezze - MTb 9.886 Registrado no Cartório Civil sob o nº 36.264 PABX:(0xx16) 3332-1002 End. Corresp.: Rua Ceará, 1063 Araraquara - SP. CEP 14810-165 Diretora Administrativa: Marilene Volpatti Home page: www.jornaldeararaquara.com.br e-mail: redacao@jornaldeararaquara.com.br Impressão: Jornal “O Liberal” de Americana


JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

+ Roberto Maurício Vieira, 60 anos. Viúva Aparecida Maria Alves Vieira. Sepultado, dia 12, Cemitério das Cruzes.

+ Ricardo Ottina Ramos, 47 anos. Sepultado, dia 13, Cemitério São Bento.

+ João Coura Filho, 93 anos. Sepultado, dia 13, em Nova Europa.

+ Francisco Garcia Troitino, 85 anos. Viúva Sirley Aparecida de Moraes Garcia. Sepultado, dia 13, Cemitério das Cruzes.

+ Romilda de Oliveira, 69 anos. Sepultada, dia 14, Cemitério São Bento.

+ Antonio Alexandre Fábio, 37 anos. Sepultado, dia 14, Cemitério São Bento.

+ Ilda Segantini Augusto, 82 anos. Sepultada, dia 14, Cemitério São Bento.

+ Maria Pureza de Almeida, 93 anos. Viúvo Odonel Gonçalves de Almeida. Sepultada, dia 14, Cemitério Parque dos Lírios.

+ João Leornardo Gurgel, 89 anos. Sepultado, dia 15, Cemitério das Cruzes.

+ José Américo Pires Filho, 76 anos. Sepultado, dia 15, em Américo Brasiliense.

+ Antonio Arruda Botelho, 86 anos. Sepultado, dia 15, Cemitério Parque dos Lírios.

+ Sebastião Cardoso da Silva, 60 anos. Viúva Pedrinha Cirilo da Silva. Sepultado, dia 15, em Santa Ernestina.

+ Alexandrina Alves Marcelino, 69 anos. Sepultada, dia 16, Cemitério das Cruzes.

+ Osmar Aristides Acquaroni, 71 anos. Viúva Maria José Sibelli. Sepultado, dia 16, Cemitério São Bento.

+ Francisco Felicio, 84 anos. Viúva Aparecida Almeida Bartolomeu. Sepultado, dia 16, Cemitério São Bento.

+ Antonia Maria Corrioli de Souza, 66 anos. Viúvo Abidias Rodrigues de Souza. Sepultada, dia 17, em Ibitinga.

+ Ilza Campos de Andrade, 77 anos. Viúvo David Liberato de Andrade. Sepultada, dia 18, Cemitério São Bento.

+ João Gambarim, 72 anos. Sepultado dia 18, em Rincão.

+ Maria de Lourdes Paduan, 72 anos. Sepultada, dia 18, Cemitério das Cruzes.

Às famílias enlutadas o pesar do J.A.

Pedágio rende R$ 2,5 milhões

SÁBADO E DOMINGO 19 E 20 DE JANEIRO DE 2013

Quantia do ISS pode ser empenhada na educação, transporte, segurança e saúde. Mas, atente para isso: sempre saindo do bolso do contribuinte.

A

raraquara foi beneficiada com R$ 2,5 milhões em 2012 com a arrecadação de ISS-QN (Imposto Sobre Serviços de

2ª Via

Qualquer Natureza) que incide sobre as tarifas de pedágio das rodovias do Programa de Concessões do Estado de São Paulo. Em

todo o Estado, o benefício para os municípios totalizou R$ 379,9 milhões no ano. O repasse é feito para 256 prefeituras, propor-

cionalmente à extensão da rodovia que atravessa o município. (artespimprensa@sp.gov.br)

P

refeitura envia 105 mil carnês de IPTU, primeira parcela vence dia 15 de fevereiro. A do IPTU de terrenos no dia 15 de março. Pagamento à vista (em 15 de fevereiro) desconto de 9%; quitação total em 15 de março, 6%; e em 15 de abril, 4%. O mesmo em relação ao IPTU de terrenos, cujo primeiro pagamento vence em 15 de março. Quem não re-

G

ceber o carnê até vencimento da primeira parcela poderá imprimir a segunda

via pela internet (araraquara.sp.gov.br) ir ao link ‘segunda via de IPTU’ e, a par-

Carnês são distribuídos com desconto de até 9% no pagamento à vista.

vai patrocinar a Orquestra Jovem do município em 2013. Projeto sociocultural atende 126 crianças e jovens, com idade entre 6 e 25 anos, em

situação de vulnerabilidade social. O objetivo é contribuir para a formação e desenvolvimento educacional e cultural dessas crianças. A Or-

questra Jovem de Araraquara oferece aulas de violino, viola erudita, violoncelo e contrabaixo, além da formação de um coral infanto-juvenil.

Testes para novos talentos no Ginásio da Pista de Araraquara

O

gunda, quarta e sexta-feira, respectivamente. Os testes serão das 18 às 20h, no Ginásio da Pista podendo participar atletas nascidos em

1993, 1994 e 1995. O técnico Renê Benacci pretende manter a boa fase do time. “Todo ano acontece essa peneira, mas, sempre

Urgente: doadores de sangue

H

emonúcleo da Unesp solicita à população a doação de sangue com URGÊNCIA para não faltar a pacientes dos hospitais de Araraquara e Região. A necessidade de transfusões de sangue tem aumentado muito em relação ao número de doações de sangue por dia. Além disso infelizmente não existe outra forma de conseguir sangue a não ser contando com as pessoas solidárias. ESTAMOS PRECISANDO DE TODOS OS TIPOS SANGUÍNEOS E COM URGÊNCIA DE: “A” POSITIVO e NEGATIVO e “O” NEGATIVO. Você é o elo que falta na nossa corrente do bem: doe sangue e traga um

amigo com você no horário das 7 às 18 horas (segunda a sexta) e aos sábados das 8 às 12 horas.

Orientações básicas:

• Apresentar carteira de identidade (RG), ou carteira de habilitação (CNH), ou carteira profissional; • Ter de 16 a 67 anos (entre 16 e 18 anos precisa também da presença dos pais ou responsável legal também munidos de documento) e após os 60 anos somente quem já doou sangue anteriormente; • Pesar mais de 50kg; • Estar bem de saúde e comunicar se estiver tomando medicamento;

• Não estar em jejum; • Não comer alimentos gordurosos (carne gorda, feijoada, ovo, maionese, fritura, bacon); • Não fumar 01 hora antes e não ingerir bebida alcoólica nas últimas 12 horas; • Após o almoço aguardar 3 horas para doar sangue; • Aguardar 6 meses após endoscopia ou colonoscopia. Hemonúcleo Regional de Araraquara Fone (16)33016102 Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Araraquara – UNESP (Cristina Zaniolo Gibran Di Nardo Assistente Social)

Protagonista da História

N

este sábado (19), a partir das 12h, pela TVARA (canal 31), Net (canal 15) e site do J.A., programa Polezze-entrevista traz o Deputado Estadual Edinho Silva, fazendo um balanço das atividades desenvolvidas durante o ano.

Sábado (19)

Sesc - Verão 2013 Bambodança, atividade ressalta importância do construir em grupo, estabelece uma conexão criativa e expressiva com a música, improvisando movimentos de dança. Das 10 às 12h na Convivência.

mantemos cerca de 50% da base do time do ano anterior. Em 2013, vamos voltar fortes com as equipes sub-20 e principal”, diz.

TVARA (canal 31); NET (canal 15) e SITE do J.A. (www.jornaldeararaquara.com.br)

Domingo (20) SESC

- Patrícia Arnosti, às 15h30, primeira professora de dança com bambolê.

- Teatro Infantil - Coletivo Joaquina apresenta a peça “Julieta de Bicicleta e Outras Histórias”, às 11h no Teatro. Grátis (ingresso a partir das 9h30). - Regina Dias homenageia Nara Leão, às 16h na Convivência. Grátis. - Especial Turma da Mônica continua neste domingo, às 14h no Teatro. Grátis (retirada de ingressos 1h antes da sessão).

Cinema

Programação até 24 de Janeiro

O Último Desafio Moviecom 1: Dublado: Seg. à Sexta-feira, sessões às 15h, 17h15, 19h30 e 21h45. Sáb, Dom e Feriado, sessões às 15h, 17h15, 19h30 e 21h45.

Detona Ralph Moviecom 2: Dublado: Seg. à Sexta-feira, sessão às 14h45. Sáb, Dom e Feriado, sessão às 14h45. Moviecom 4 (3D): Seg. à Sexta-feira, sessões às 14h20, 16h40, 19h e 21h20. Sáb, sessões às 14h20, 16h40 e 19h. Dom e Feriado, sessões às 14h20, 16h40, 19h e 21h20. Cine Lupo 2: Dublado (3D): Diariamente, sessões às 16h, 19h e 21h15.

As Aventuras de PI Moviecom 3: Dublado: Seg. à Sexta-feira, sessões às 16h45 e 21h30. Sáb, Dom e Feriado, sessões às 16h45 e 21h30.

João e Maria Moviecom 4 (3D) Dublado: Sábado, sessão às 21h20.

O Hobbit: uma jornada inesperada Cine Lupo 3 - Legendado: Diariamente, sessão às 16h.

Edinho Silva

- Joyce Moreno apresenta o show “Rio” ou “Tudo”, às 20h no Teatro. Ingressos R$ 5,00, R$ 10 e R$ 20. Classificação etária: Livre.

tir do número reduzido de carnês do IPTU fazer a operação.

Peneira no Futsal da Uniara time sub-20 de futsal da Uniara/Fundesport fará uma seleção de novos jogadores nos dias 21, 23 e 25 de janeiro, se-

Agenda

- Contação de História: “Os Cisnes Selvagens”, com a Cia. do Mar, às 14h na Área de Leitura. Grátis.

Orquestra de Araraquara ás Brasiliano, concessionária de distribuição de gás natural na região noroeste do Estado de São Paulo, sede em Araraquara,

03

A Viagem Moviecom 2 - Legendado: Seg. à Sexta-feira, sessões às 17h e 20h20. Sáb, Dom e Feriado, sessões às 17h e

20h20.

De Pernas pro Ar 2 Moviecom 3: Seg. à Sextafeira, sessões às 14h30 e 19h20. Sáb, Dom e Feriado, sessões às 14h30 e 19h20. A Negociação Cine Lupo 1 - Legendado: Diariamente, sessão às 21h30.

A Escolha Perfeita Cine Lupo 1 - Legendado: Diariamente, sessão às 19h. Os Penetras Cine Lupo 3: Diariamente, sessão às 19h.

Preços - Moviecom: Seg, Ter e Quinta R$ 13,00 (inteira) e R$ 6,50 (meia). Quarta-feira - R$ 9,00 (inteira) e R$ 4,50 (meia). Sexta, sábado, domingo e feriado - R$ 15,00 (inteira) e R$ 7,50 (meia). Preços: 3D Seg, Ter, Quarta e Quinta R$ 16,00 (inteira) e R$ 8,00 (meia), Sex, Sábado, Domingo e Feriado R$ 19,00 (inteira) e R$ 9,50 (meia). - Cine Lupo: Segunda, Terça, Quinta, R$ 12,00 (inteira) e R$ 6,00 (meia). Sexta, Sábado e Domingo, R$ 14,00 (inteira) e R$ 7,00 (meia). Quarta-feira (exceto feriados) - Preço Único R$ 5,00. O jornal recebeu a programação diretamente dos promotores.


04

SÁBADO E DOMINGO 19 E 20 DE JANEIRO DE 2013

Jornal- Primeiro do Enem, em Araraquara: um prêmio à eficiência? Leliana- Ser o primeiro do Enem é coroar o trabalho de anos e anos que vêm sendo desenvolvido desde a Educação Infantil passando pelo Ensino Fundamental e culminando no Ensino Médio. Para nós é resultado de um trabalho realizado com dedicação, muito empenho e chega para contemplar esforços de um grande conjunto de pessoas.

Jornal- O Colégio dá atenção especial à Educação Infantil? Leliana- Na Educação Infantil é onde tudo começa. As crianças têm o primeiro contato de socialização, além da família. A partir desse momento elas fo-

cam o mundo de uma forma diferente. Por isso a necessidade de carinho, de atenção e criatividade à Educação Infantil. É quando as crianças mergulham na aprendizagem em meio a brincadeiras, ações lúdicas em belos momentos de diversão.

Jornal- Essa filosofia de aprendizagem continua no Fundamental I? Leliana- No Ensino Fundamental I as crianças passam a receber estímulos de uma aprendizagem mais específica, mas, ainda respeitando a técnica motivacional em busca do amadurecimento. Respeitamos o tempo das crianças para atingir os objetivos educacionais. Nessa fase, eles apreciam nosso cuidado afetivo e pessoal, a faixa etária é respei-

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

tada, valorizada e o aprendizado acontece de forma leve e prazerosa.

Jornal- O Fundamental II é escada para o Ensino Médio que leva à universidade?

Leliana- O Ensino Fundamental II traz a característica de envolver mais pessoas no processo de aprendizagem da criança. Os que estão entrando na adolescência, os que iniciam um novo caminho passam a conhecer outras visões do conhecimento. Essa turma passa a ter vários professores, pessoas diferentes ensinam conteúdos que se entrelaçam e atendem à expectativa dos educandos. No Ensino Fundamental II os especialistas passam para reforçar aquilo que começou no Fundamental-I. Tudo obviamente pode ser entendido como

base, lastro forte para o Ensino Médio que é caminho para a universidade.

Jornal- O ano letivo vai começar, o Progresso continua com inscrições abertas?

Leliana- Sim, temos algumas séries com vagas. Grande parte já se completou, mas ainda fazemos inscrições.

alunos são convidados para essas aulas optativas que contam com a dedicação dos professores e dos alunos. A somatória leva ao festejado resultado.

Jornal- Com tudo isso de bom a mensalidade fica mais cara? Leliana- Ser cam-

peão não aumenta o custo da escola, é um coroamento do trabalho que desenvolvemos, com extrema qualidade, nesses 89 anos do colégio Progresso. Não aumentamos preço que continua justo, honesto independentemente destes resultados maravilhosos que temos conseguido.

(Jornalista G. Polezze)

Jornal- O Colégio ganha outro troféu de campeão dos Jogos da Primavera... Leliana- Além das aulas regulares, temos algumas optativas. São aulas extras no período inverso da atividade escolar onde os alunos realizam atividades diferentes. Temos: flauta, coral, dança, teatro, xadrez, futebol e vôlei a partir do 5º ano. Desde o 5º ano os

Colégio Progresso é uma proposta de ensino desde o MATERNALZINHO onde alunos ficam com uma professora especializada. É a base de muitos significados.


JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

Afastamento

O vereador Dr. Lapena (PSDB) pede afastamento da Câmara para tratar a perna com um cirurgião vascular nos Estados Unidos. Durante o tratamento Geicy Sabonete (PSDB), como primeiro suplente assume a cadeira. O Dr. Lapena não confiou em médicos brasileiros.

Beneficência

Na última Assembleia Geral Extraordinária da Santa Casa de Misericórdia Nossa Senhora de Fátima e Beneficência Portuguesa, dezembro-2012, o presidente Fábio Donato Gomes Santiago externou sua desistência ao novo biênio 2013/2014. Preocupados com o hospital um grupo de sócios constituiu chapa para concorrer.

Homicídios

O ano começou violento em Araraquara, uma morte a cada três dias. No país o cenário é ainda mais preocupante. Aqui, mês já é o janeiro com mais homicídios dos dois últimos anos.

P. Diretor

Integrantes do Conselho Municipal de Planejamento e Política Urbana Ambiental (Compua) e a secretária de Desenvolvimento Urbano, Alessandra de Lima, reuniram-se, na sede do DAAE para discutir textos revisados do Plano Diretor (PD). Entre as sugestões apresentadas está a inclusão do contorno ferroviário no mapa da estrutura urbana.

05

“Trentin foi escolhido para trabalhar, não se lamentar” SÁBADO E DOMINGO 19 E 20 DE JANEIRO DE 2013

Ex-Prefeito Júnior deixa claro que Santa Lúcia quer trabalho e não conversa própria de período eleitoral.

“Em dezembro último, com recursos oriundos da venda de lotes no Bairro Nova Santa Lúcia (lotes que estavam impossibilitados de serem vendidos porque em 2002 o prefeito da época dos fatos Antonio Sergio Trentin - loteou essa área no bairro Nova Santa Lúcia de forma irregular), área destinada a Distrito Industrial impossibilitava sua venda”, afirma Júnior. Hoje, área regularizada pelo ex-prefeito Junior (até já entregou as matriculas referentes a todos adquirentes de lotes) pode leiloar os demais. A principio, a ideia do Junior era adquirir uma área de terra da Usina Santa Cruz para construção de casas populares e Distrito industrial (conforme documento veiculado na imprensa), mas, durante o período eleitoral o Prefeito Trentin protocolou denúncia alegando ser mentira e matéria com interesse eleitoral. Diz Júnior: “essa atitude do prefeito eleito atrapalhou as negociações de interesse de Santa Lúcia”. O prefeito Júnior continua explicando para responder aos ataques que tem recebido do novo chefe do Executivo: “foi quando surgiu possibilidade de adquirir área onde se encontra a sede do Fundo Social, um prédio histórico de nossa cidade que estava sendo alugado para bri-

O ex-prefeito Júnior afirma que o casarão de arquitetura histórica deve ser preservado e o funcionamento do Fundo Social de Solidariedade é garantia de atingir essa meta. lhantes projetos de geração de renda. Ações executadas pelas voluntárias, com a coordenação da Dona Rosa: 19 cursos para geração de renda envolvendo mais de 60 pessoas que dão vida ao ambiente, todo dia, neste maravilhoso projeto criado em 2005. Então, para garantir a continuidade do projeto, preservar patrimônio histórico do município e a alegria das centenas de pessoas que encontraram no Fundo Social um local para aprender, conversar, fazer amigos, analisamos com

profundidade e adquirimos o prédio. Além de abrigar projetos espetaculares do Fundo Social poderá, ainda, abrigar Projeto Guri, Casa da Cultura ou outros projetos de interesse da comunidade. Ele possui uma área de 477 m² em excelente localização no centro da cidade”, afirma ex-prefeito.

Sucesso

Os projetos realizados no Fundo Social foram considerados de melhor desempenho para geração de renda. “Criados em

Santa Lúcia, em nossa gestão, comprovado por todos que por ali passaram e que hoje estão esperançosos pela sua continuidade”. “Só gostaria de fazer uma consideração final, a respeito do salário dos funcionários públicos que desde outubro passado já tinham medo do eventual atraso, pois, certamente se recordaram do período de 2001 a 2004 quando o atraso salarial era constante. Para recordar: quando

assumimos em 2005 também enfrentamos o mesmo problema, pois, o Trentin ao perder a eleição, não deixou dinheiro para pagar funcionários e ainda toda estrutura administrativa arrebentada com muita dívida. Mas, em respeito à nossa gente, acho que o TRENTIN foi escolhido pela maioria de Santa Lúcia para trabalhar e não se lamentar. Santa Lúcia esta acostumada a muito trabalho e pouca conversa. Então... mãos a obra Prefeito e boa sorte”, conclui o ex-prefeito Júnior.

igre Clube Futsal/ Santa Lúcia segue se preparando para a Copa ADPM de Futsal no próximo dia 27 em Araraquara. Com o elenco quase concluído agora é só esperar os resultados. Visando homenagear atletas que ajudaram

na formação do glorioso Tigre Clube Futsal, ano de 1999, a foto da primeira formação deste time de guerreiros. Em pé: Marcos Melandes, Vandão 1, Vandão 2 e Marcelo Mancine. Agachados: Ricardinho, Francisco Carlos e Cleber.

Salário

Tigre na Copa T “Cidade das Palmeiras”elege

qualidade de vida

Ouça a rádio da cidade Progresso 104,9 mHz


06

SÁBADO E DOMINGO 19 E 20 DE JANEIRO DE 2013

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

Convênio de Assistência

Judiciária é renovado

Bastidor es

com reajuste de 5%

O lixo orgânico vira fertilizante e tijolo

Acordo entre a OAB-SP e a Defensoria Pública tem validade de nove meses e começa a valer a partir de 1 janeiro de 2013

E

m 18 de dezembro, a OAB-SP renovou por mais nove meses o Convênio da Assistência Judiciária com a Defensoria Pública de São Paulo. O novo acordo prevê reajuste de 5% na tabela dos honorários devidos aos advogados conveniados, sem prejuízo do prosseguimento das negociações visando o estabelecimento de regras mais adequadas à realidade do referido Convênio. Segundo o presidente da OAB-SP, Luiz Flávio Borges D’Urso, o aumento pretendido para a tabela de honorários era de 15%, mas ele avalia como um avanço o reajuste de 5%, obtido após exaustivas negociações: “talvez seja um primeiro passo para que a Defensoria Pública passe a entender que a OAB-SP e o seu exército de abnegados colaboradores, que hoje agrega um número próximo a 50 mil advogados conveniados, longe de serem seus adversários são meus aliados na prestação da assistência jurídica à população carente”. Para Marcos da Costa, vice-presidente da OAB-SP e presidente eleito para o triênio 2013-2015, “seria inadmissível a renovação do convênio sem admitir qualquer aumento dos honorários,

quando é fato que desde 2007 (ano de início do convênio com a Defensoria Pública), houve crescimento da arrecadação do Estado de São Paulo e, portanto, dos repasses realizados à Defensoria para gerir o convênio mantido com a Ordem para o atendimento das pessoas que não podem pagar advogado para representá-las em juízo”. D’Urso e Costa destacaram a importância da manutenção do convênio e reafirmaram a disposição da OAB-SP em mantê-lo mesmo para além do prazo da presente renovação, desde que haja sensibilidade da Defensoria Pública para admitir que é justa e possível a pretensão de repasse à tabela de honorários não apenas dos percentuais de correção monetária, mas também de aumento real, tendo em vista o crescimento da arrecadação do Estado de São Paulo. Eles destacam que a remuneração hoje prevista mostra-se muito abaixo da realidade do mercado. Além disso, salientam que os quase 50 mil advogados vinculados ao Convênio de Assistência Judiciária prestam inequívoca atividade social em substituição à Defensoria Pública de São Paulo. (Jornal do Advogado)

Barretos cria equipamento para modificar resíduos que hoje são despejados em aterros e lixões. Os de Araraquara, via Guatapará, custam o olho da cara e o vereador Chediek Neto tem se debruçado sobre o problema ambiental. A demora no entanto pode ser normal, mas, é dinheiro que sai dos cofres e a reciclagem fica adiada. (De Leandro Martins, Ribeirão Preto, publicado pela Folha de São Paulo 18/11/2012, apresenta subsídios valiosos para a solução do problema da maioria das cidades brasileiras). Empresa de Barretos criou equipamento que pode dar um destino nobre ao lixo orgânico doméstico que atualmente vai parar em lixões e aterros. O processo faz do resíduo um pó que pode ser usado como fertilizante ou até mesmo na fabricação de tijolos. A tecnologia é a aposta da Gold Press Máquinas e Reciclagem para crescer. O dono Jerônimo Flausino de Paula, também criador do equipamento, o processo de pesquisa e desenvolvimento da técnica levou cerca de três anos e consumiu R$ 400 mil. A microempresa já fazia máquinas para reciclagem de resíduos como plástico, alu-

Registre o seu imóvel. É questão de segurança. (Campanha do J.A.)

Pizzas, salgados e bolos para festas, por Kg. Uma homenagem ao seu paladar

Rua Alm. Tamandaré, 367 -

(V. Xavier) - Fone:3332-3768

Dengue pode matar se não oferecer assistência médica rápida e eficiente.

mínio e papelão.

A solução

"Em 27 anos trabalhando com reciclagem, sempre pensei em buscar algo para aproveitar o lixo orgânico", diz Flausino de Paula. O lixo orgânico é a maior parte do resíduo doméstico coletado no país. Nesse equipamento de Barretos, o lixo orgânico (restos de alimentos ou mesmo material vegetal proveniente de limpeza pública), passa por um reator que transforma tudo numa massa que, depois de seca, é triturada e vira pó. Dois reagentes químicos removem os contaminantes do material. Laudo técnico emitido pela Unesp (Universidade Estadual Paulista) de Jaboticabal atesta que o pó tem potencial para ser usado na agricultura como fonte de cálcio e corretivo de aci-

dez do solo. Outra destinação, segundo a empresa, é o uso do pó misturado ao concreto na fabricação de tijolos (ensaios mostraram que a mistura dá mais resistência aos blocos).

Alternativa aos aterros

O alvo deste negócio é principalmente a prefeitura. O objetivo é dar aos municípios uma alternativa aos aterros que estão cada vez com menos espaço e cujo potencial de impacto ambiental é grande. Segundo o Inpi, o pedido de patente apresentado por Flausino de Paula em 2011 está na fase inicial, quando o processo é mantido em sigilo. Só depois deve passar pela etapa de exame. A conclusão do processo pode levar em torno de cinco anos.

Os 10 tópicos

C art óri o

Panificadora Cristal

Geraldo Polezze - jornalista -

1

ATERRO de Araraquara foi fechado. Pela matéria vê-se que existem alternativas.

2

CATADORES de material para reciclagem podem mergulhar na transformação do lixo?

3

PARQUE Tecnológico é sonho do deputado Massafera. Dá para sonharmos juntos.

4

MILTON Cardoso é diretor regional da F.P.F. e

presidente do Conselho da AFE. Camarada que tem orgulho das “paralelas de aço”.

5

TIJOLOS oriundos do lixo doméstico podem ajudar na casa própria.

6

PREFEITO Marcelo vai formar comissão técnica para analisar produto de Barretos.

7

CIDADE está com muito verde (mato), é tempo de abrir espaço aos contribuintes.

8

MATAGAL não dá prêmio ambiental, verde de Araraquara acaba com orgulho do povo.

9

DENGUE volta ao noticiário devido à infestação de pernilongos. Poxa vida...

10

EDINHO não recebeu explicação da CPFL sobre “piques” da energia. Saudade de outros tempos da Cia. Aos que chegaram até aqui OBRIGADO e bom final de semana.


JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

Reclamação

Moradores da Vila Sedenho estão sofrendo com a invasão de caramujos e pedem providências da Prefeitura. O analista Edson Maria Torres, da Gerência de Controle de Zoonoses, adverte para entrar em contato com o Centro de Triagem de Animais pelo telefone (16) 3339-4441. A orientação é usar luvas para colocar o caramujo em saco plástico com sal.

Assentados

O vereador Édio Lopes (PT) participou de reunião entre assentados e técnicos do INCRA para viabilização do crédito Apoio Mulher para famílias assentadas do Bela Vista do Chibarro. O crédito do Governo Federal para mulheres visa incentivar a participação feminina na produção.

As gorjeta de garçons:

SÁBADO E DOMINGO 19 E 20 DE JANEIRO DE 2013

restaurantes não podem ratear

N

egociação coletiva que autoriza retenção ou divisão de valores arrecadados por garçons, a título de gorjeta, viola direitos do trabalhador. Foi com esse entendimento que a 6ª Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST) mandou pagar diferenças salariais a um empregado do Convento do Carmo S/A, que tinha os 10% pagos pelos clientes rateados entre o sindicato da categoria e a própria empresa. Na ação trabalhista movida contra o requintado hotel baiano, o empregado alegou que foi contratado para receber o piso salarial, acrescido de 10% a título de taxa de serviço cobrada dos clientes. No entanto, a empresa não cumpria o contrato e dividia os 10% com o sindicato profissional, além de reter 37% para si, restando apenas 40% da gorjeta para o garçom. O trabalhador pretendia receber as diferenças salariais, mas a empresa se defendeu e afirmou que agiu amparada por acordo coletivo de trabalho. A sentença de primeiro grau indeferiu o pedido das diferenças pleiteadas pelo empregado e considerou válidos os acordos coletivos. Essa decisão foi mantida pelo Tribunal Regional do

Trabalho da 5ª Região (BA), que concluiu que "os acordos coletivos anexados ao processo respaldam o procedimento adotado pela empresa", pois ajustados com a participação da entidade sindical da categoria e, portanto, possuem presunção de licitude. Indignado, o trabalhador recorreu ao TST e sustentou a nulidade do acordo coletivo por prejudicial aos em-

pregados, uma vez que determina a divisão da taxa de serviço, mas, não estabelece qualquer vantagem para o empregado.

Tem razão O relator do recurso na 6ª Turma, ministro Aloysio Corrêa da Veiga, deu razão ao empregado e concedeu as diferenças pleiteadas. Ele explicou que os 10% pagos a título de taxa de serviço pertence aos empregados. "A distribuição de apenas parte do total pago pelos clientes caracteriza ilícita retenção salarial, cabendo a devolução ao empregado da parcela retida", concluiu. O ministro ainda esclareceu que os acordos coletivos são constitucionalmente reconhecidos, mas eles "encontram limites nas garantias, direitos e princípios previstos na Carta Magna". Assim, a norma que estabeleceu a retenção dos 10% violou direitos "não sujeitos à negociação coletiva". Para Corrêa da Veiga, extrai-se do artigo 457 da CLT que "incluem-se na remuneração do empregado as quantias pagas, espontaneamente ou não, pelos clientes como forma de reconhecimento pelo bom serviço prestado". A decisão foi unânime para deferir o pedido das diferenças salariais em face da indevida retenção, bem como seus reflexos nas demais verbas trabalhistas.

07

Profissional Advogado

Benedito Teixeira Ferreira OAB 146023

Fone: (16) 3332-7115 - 8125-0636

Av. Espanha, 761 - Sala 11 - Centro - Araraquara e-mail: bferreira@oabsp.org.br

Dr. Roberto

Dela Coleta Crosp - 12.234

Galhardo Sociedade de Advogados OAB/SP 11.486

CIVIL - TRABALHISTA DIREITO IMOBILIÁRIO

Av. São Paulo, 735 Fonefax : (16) 3322-4506

Ortodontista

(16) 3336-6663 e 3336-8626

Avenida Cristovão Colombo, 614

(entre ruas 2 e 3) Araraquara - SP

CIRURGIA PEDIÁTRICA DR. CARLOS

FERNANDO CAMARGO CRM: 35.058

AV. BANDEIRANTES, 831

FONE: 3336-9381

ODONTOLOGIA INTEGRADA

Prevenção, Odontopediatria, Cirurgia Endodontia, Implantes, Prótese sobre Implantes

Drª Rosana Maria F. de Andrade Crosp 34622

Drª Sandra Fernandes de Andrade Crosp 43615

Rua Barão do Rio Branco - 1049 - 3332-0021

(RR - 291-16.2010.5.05.0024)

Oração ao Poderoso Santo Expedito

Liberado

Festa 19 de abril. Comemora-se todo dia 19. Se você está com algum PROBLEMA DE DIFÍCIL SOLUÇÃO e precisa de AJUDA URGENTE, peça esta ajuda a Santo Expedito que é o Santo dos Negócios que precisam de Pronta Solução e cuja invocação nunca é tardia. Oração - Meu Santo Expedido das causas justas e urgentes, socorrei-me nesta hora de aflição e desespero, intercedei por mim junto ao Nosso Senhor JESUS CRISTO! Vós que sois um Santo Guerreiro, Vós que sois o Santo dos Aflitos, Vós que sois o Santo dos Desesperados, Vós que sois o Santo das Causas Urgentes, protegei-me, ajudai-me, daí-me força, coragem e serenidade. Atendei ao meu pedido: “fazer o pedido”. Ajudai-me a superar estas horas difíceis, protegei-me de todos que possam me prejudicar, protegei a Minha Família, atendei ao meu pedido com urgência. Devolvei-me a paz e a tranqüilidade. Serei grato pelo resto de minha vida e levarei seu nome a todos que tem fé. Obrigado. Rezar 1 Pai Nosso, 1 Ave Maria e fazer o Sinal da Cruz.Em agradecimento, mandei publicar esta oração, para propagar os benefícios do grande Santo Expedito. (A.C.T.)

Caixa Econômica Federal liberou R$ 437.149,00 para a cobertura do palco no Centro de Eventos do Parque Pinheirinho.

Música ao vivo, esporte, lazer e natureza no Náutico

O

Programação de verão está imperdível

programa de recreação e lazer do Náutico promete mais uma temporada repleta de diversão e entretenimento para toda a família. Neste domingo, 20, haverá atividades coordenadas pela equipe de monitores do clube. O ateliê de arte ‘pintura em cerâmica’ prevê sessões às 10h e 14h, no salão do restaurante. Destaque para as atividades no conjunto de piscinas, como a hidroginástica e as brinca-

deiras aquáticas, respectivamente, a partir das 11h e 14h30.

Kit Escolar

A prova do dia ‘kit escolar’ vai agitar a galera a partir das 10h no salão do restaurante.

Pilates e Yoga

As aulas de Pilates e Yoga estão previstas para começar, res-

pectivamente, às 9h e 10h, no salão do restaurante.

Espaço brincar

A criançada vai se divertir com as atividades preparadas para a etapa deste domingo. Está previsto ateliê de arte ‘Desenho, desenhão’ e brincadeira, ambos às 10h; e campeonato ‘Nintendo Wii’, a partir das 14h30, entre outras novidades.

Show nos bares

A agenda musical prevê atrações nos bares da praia e da mata. Programe-se.

Falso Brilhante Banda Show Uma das bandas mais tradicionais do interior paulista, a araraquarense Falso Brilhante Banda Show, faz apresentação imperdível neste domingo. O repertório do grupo faz uma autêntica viagem no tempo, com músicas que mais marcaram nas décadas de 70 e 80, além dos sucessos atuais. Uma agradável mescla de gêneros que vai descontrair ainda mais o bar da mata, a partir das 15h.

Falso Brilhante Banda Show será atração no bar da mata.

As atividades nas piscinas são uma das dicas da programação de verão do Náutico

Joni Machado

A partir das 12h, no bar da praia, o cantor e compositor

Joni Machado interpreta repertório recheado de sucessos nacionais e internacionais.

Esporte

A temporada esportiva do Náutico começa neste domingo com torneios em várias modalidades. O futebol terá o ‘festival de verão’, com jogos nas categorias ‘panela livre’, master e super master. As partidas do festival vão servir também como ‘pré-temporada’ para os próximos campeonatos nauticanos. Com exceção do panela, cujos times são inscritos com suas formações já prontas, as equipes do master e super master foram definidas através de sorteio na secretaria do clube. As inscrições para a segunda rodada do evento poderão ser feitas a partir da próxima segunda-feira.

Panela

De acordo com o regulamento, as equipes da categoria panela livre precisam atuar com, no mínimo, um jogador acima dos quarenta e cinco anos de idade.

o Vem jogar comig

Simultaneamente ao festival de verão, os associados que praticam o futebol no Náutico terão também a opção do torneio ‘Vem jogar comigo’, que estará com inscrições abertas a partir das 9h.

Tênis, beotech..a. , basqu

A abertura da temporada esportiva nauticana prevê torneios de tênis e de bocha, às 9h; truco, com início às 13h; e basquete, a partir das 14h.

Campeonatos

As inscrições para os primeiros campeonatos de futebol da temporada poderão ser feitas a partir da próxima segunda-feira(21). O show de bola vai envolver as categorias pré-mirim, mirim, infantil, feminino, livre, veterano, master e super master.

Quinta noturna

As inscrições para o próximo campeonato de futebol Quinta noturna também ficarão abertas a partir deste dia 21.


ANIVERSARIANTES

Bom Dia!

O

Rita Mucio

Ao pessoal do Asilo São Francisco, presidido pelo Santarelli, que comemora 96 anos de trabalho a favor dos velhinhos. Uma dedicação exemplar.

prefeito Marcelo Barbieri prestigiou a posse do secretário de Estado de Esporte, Lazer e Juventude, José Auricchio Júnior. No Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, prefeito Marcelo convidou o secretário nomeado pelo governador Geraldo Alckmin para visitar Araraquara na próxima semana e anun-

ciar oficialmente a cidade como sede dos Jogos Regionais. “A Pasta de Esportes é estratégica para o que projetamos para a cidade nos próximos anos. Araraquara se prepara para receber os Jogos Regionais, além de ser subsede da Copa do Mundo e Olimpíadas de 2016”, disse Marcelo.

Marinho Bortoluzo, Jair Martineli, Edson Aparecido, Adilson Custódio e Marcelo Barbieri prestigiam posse do secretário estadual de Esporte. De real valia para a cidade que vai sediar grandes eventos neste ano.

e h l a t e d m u s a n e Ap Ser o primeiro colégio de Araraquara, no Enem, efetivamente é um detalhe. Ao longo dos anos temos oferecido a melhor aprendizagem, fincada em valores humanos, capaz de formar cidadãos de extrema qualidade. Isso é essencial em nossa missão.

e t n a s s e r e t n i e h l Deta

19- José Antônio Ligabô, Carlos Eduardo Jorge, Jairo Luís de Mattos, Rafael Urbano, Anésio Urbano, Adhemar Benetton Júnior e Luiz Alberto Marques 20- Bruno Franco Naddio, Raquel D´Avila Ferreira, Antônio Maria de Lima Pedroso, Luiz Gustavo Peres de Souza, Giuseppe Morvillo Júnior, Elena Cortês e Maria Terezinha Brasil Bueno 21- Deives Henrique B. Vitoria, Alessandra Peres Gil, Dorides Alonso Perosso e Inês Hakuro Chinen de Barros. 22- Fabricio Fernando da Silva, Sandra Sayuri Kuzuoka, Alex Mendonça da Silva, Marco Antonio Bernardo Padovani, Marina Marques, Aracy Mendes, Fernanda Merlini e Maria Aparecida dos Santos Silveira Luiz. 23- Alexandre Safatle Rezek, Vaine Luiz Barreira, Alberto de Paula Orlando, Márcia Regina da Costa, Fernando Malfará e Rafael Bombarda Pires de Oliveira

Asilo: 96 anos D

ia 21 de janeiro de 1917, negociantes, lavradores, proprietários rurais e representantes de todas as classes sociais reuniram-se em Assembleia Popular Teatro Polyteama (Bijou Teatre), liderados pelo Major Tito Augusto Cabral para oficializar a fundação do Asilo de Mendicidade de Araraquara. Desde então, a instituição cumpre a finalidade de internar, proteger, vestir e sustentar pessoas de ambos os sexos, sem distinção de raça, cor ou religião, com idade igual ou superior a sessenta anos, sem amparo familiar e incapazes para o trabalho. Nestes 96 anos que se completam em 2013, foi escrita história envolvendo as prin-

Existem vagas e a mensalidade é a de costume: justa, independente de prêmios. Colégio Progresso de Araraquara une-se às mães, aos pais e responsáveis para cuidar da pessoa mais importante: o aluno

24- Maria do Carmo dos Santos, Dirce Alves Pinto Deliza, Anderson Lisardo Pinheiro Moraes, Ednéia Paula F. Polito, Antonio Carlos Pereira de Almeida, Amarildo Ap. de Moura e Joaquim Meirelles Resende Filho. 25- Maria José Guimarães, Carlos Alberto Casonato, Maria Alice Cordeiro Mendes Dias, Suzana Martiniano Galassi, Paulo Luiz Pecin, Mariana Angélica dos Reis, Marco Aurélio Volpe Nogueira, Paulo Patreze, Jornal O Imparcial e Dia do Carteiro. 26- Rosa Sônia Belgamo da Silva, Vera Lúcia Paravani Palaçon, Maria de Fátima de Oliveira, Rosângela Vintecinco dos Santos, Sander Julien, Lígia de Barros, Edith Zanella, Edelton A. de Marco, João Victor Salvajoli, Paulo Landin e Rubens Eduardo Callegari e Ruth (aniversário de casamento). 27- Cristina Zanin, Valdeci Lourenço Pano e Juliana O. Vieira.

O

cipais figuras de nossa cidade que preservam a instituição e seus nobres objetivos, auxiliados por uma legião de voluntários e colaboradores que colocaram o Asilo em posição de destaque no ranking das 400 entidades beneficentes do país. A atual Diretoria, em 2009, toma posse. Composta por pessoas de ilibada reputação e saber em suas áreas de atuação cujo eixo de atuação é a melhoria da qualidade de vida dos idosos e manutenção do equilíbrio econômico-financeiro da Casa de Abrigo dos Idosos. O presidente José Alberto Santarelli afirma que todos estão convidados para uma visita. É só agendar...

Caixa Federal aprova revitalização da Sete de Setembro e prefeito Marcelo autoriza abertura de licitação para melhorias na Avenida-Centro Gastronômico de Araraquara.

departamento técnico da Caixa Econômica Federal aprovou o projeto de revitalização do Centro Gastronômico de Araraquara no trecho da Avenida Sete de Setembro entre as ruas Humaitá e João Gurgel. O aporte de R$ 800 mil é oriundo do Ministério do Turismo. O prefeito Marcelo Barbieri recebeu com otimismo a

notícia que marca o início do novo mandato com uma obra que fomentará a economia do setor gastronômico e o turismo em um ponto tradicional. O projeto elaborado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano contempla melhorias no piso, alargamento das calçadas, instalação de bancos, floreiras e adequações para acessibilidade.


JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

Fatec SÁBADO E DOMINGO 19 E 20 DE JANEIRO DE 2013

09

terá sede própria

Construção da Fatec foi definida em reunião entre prefeito Marcelo Barbieri, deputado Massafera e diretora do Centro Paula Souza.

P

refeito Marcelo Barbieri e deputado estadual Roberto Massafera se reuniram, nesta se-

mana, com a superintendente do Centro Paula Souza e responsável pelas Fatecs, Laura Laganá para definir que unidade da Fatec de Araraquara funcionará em sede própria. O coordenador técnico da instituição, engenheiro Rubens Goldman acompanhou a reunião que vai garantir a construção da escola em um terreno doado pela Prefeitura, em torno de 15 mil m2. Só de construção, cerca de 7 mil m2. No início de fevereiro, uma equipe técnica deve visitar Araraquara para conhecer as áreas que atendem a exigência. “Teremos cursos voltados para a área tecnológica e isso é extremamente importante para Araraquara neste momento em que a exigência de mão de obra qualificada se torna cada vez maior”, destaca Marcelo. A cidade recebe grandes investimentos como a instalação da JBF Industries e Randon, o que deve gerar milhares de empregos e a necessidade de profissionais qualificados. Os cursos de graduação tecnológica que serão oferecidos em Araraquara já foram definidos: Análise e Desenvolvimento de Sistemas; Gestão Empresarial; e Produção Mecânica.

Há tempo

O deputado Roberto Massafera lembra que a instalação da Fatec é uma luta antiga de Araraquara que começará a ser concretizada ainda este ano com o apoio do governador Geraldo Alckmin. Ele também destacou que está iniciando o processo para a implantação de um Parque Tecnológico na cidade. (foto: Ary Costa Pinto)


10 Wilson

P

Silveira Luiz

SÁBADO E DOMINGO 19 E 20 DE JANEIRO DE 2013

Time praticamente definido

ara estreiar no Campeonato Paulista da Divisão A-2, dia 23 em Osasco, a equipe principal da Ferroviária está praticamente escalada. Fica dependendo apenas das nuances próprias de um time de futebol (contusões, contratações...). Ito Roque, no qual a torcida bota a maior fé, deverá escalar: Everton, Alan, Rogério, Anderson Santos e Difabio; Nildo, Renan, Elton e Victor Dourado; Robson e Welington Amorim.

Ferroviária é desclassificada

Pela primeira vez em sua história, a Ferroviária chegou às oitavas de finais da Copa São Paulo de Futebol Júnior. No último compromisso, entretanto, foi desclassificada com uma "sonora" goleada imposta pelo Audax - 7 a zero. De qualquer forma há que se considerar essa primeira vez nas oitavas.

Malha

A malha da Fundesport começará a sua participação no Regional da Liga de São Carlos, neste domingo (2)0, às 9 horas nas canchas do SESI/Vila Xavier contra Taquaritinga. Segundo o técnico Paulinho Maradona, o elenco está bem preparado e em condições de lutar pelo tri-campeonato e tentar classificação para o Campeonato Estadual.

DREL faz reunião

No dia 7 de fevereiro (quin-

ta-feira), a Delegacia Regional de Esportes de Araraquara, recepcionará representantes dos Municípios de sua região. A Secretaria Estadual de Esportes apresentará oficialmente o Calendário de 2013, bem como abordará aspectos importantes dos Regulamentos de todos os certames e modalidades esportivas abrangidos pela Pasta. O Secretário Auricchio; o Coordenador Mario Cesar Bortoluzo e todos os integrantes do "sraff" da Secretaria, estarão em Araraquara.

Bom de Nota, Bom de Bola

De março a dezembro de 2013, será desenvolvida em Araraquara, a segunda edição do Projeto BOM DE NOTA, BOM DE BOLA. O Secretário de Esportes, Adilson Custódio, recebeu os responsáveis por essa vitoriosa programação para oficializar a sequência da parceira com a empresa Refrescos Ipiranga/Coca-Cola. Nos próximos dias, essa programação será divulgada. As aulas gratuitas de futebol e voleibol, são destinadas aos alunos dos 3 CECS de Araraquara (Centro de Educação Complementar).

Judô

O técnico da Fundesport, Gilson de Vito, informa que as aulas estão à disposição todas as segundas, quartas e sextasfeiras, da 17 às 21 horas, nas dependências do Estrela F C. Faixa etária – de 6 anos para mais. Os atletas de competição, já

Na Moldura

inscritos, também estão convocados para a volta ao treinamento. Mais informações: 3303-2700

Peneira

de Karatê Paulista. Na pauta eleição de nova Diretoria para o biênio 2013/2014 e elaboração do Calendário de competições para este ano. Edson Roberto Petroni, técnico de karatê da Fundesport, é Diretor Técnico da Federação onde deverá permanecer neste próximo mandato.

Karatê

No dia 4 de fevereiro, uma segunda-feira, às 9 horas na UNIP haverá reunião geral com todos os monitores das diversas Escolinhas de Esportes. Nessa reunião serão definidos os programas de trabalho para este ano.

Nos dias 21, 22 e 23 às 18 horas haverá “peneira” para meninas nascidas nos anos de 1994, 1995 e 1996. Os responsáveis pela direção técnica da equipe Tradição/Fundesport aguardam as interessadas no Ginásio da Pista. Mais informações – 33032700. Neste sábado (19), em Biriguí, acontece Assembleia Geral Extraordinária da Federação

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

Laboratório de Análises Clínicas Dr. Arnaldo Buainaim S/C Ltda.

Análises Clínicas

Responsáveis: Dr. Arnaldo Buainaim Dr. Arnaldo Buainaim Jr.

Marcadores Tumorais

Imunologia

Rua Carlos Gomes, 1560 Fone: PABX (16) 3301-5599 Fax: (16)3322-5700

Hematologia

Hormônios

Posto de Coleta: Alameda Paulista, 1762 (Balão do Sesi) Fone: 3339-1230 - Fax: 3337-4506

Ginástica

Escolinhas

Posse

Antonio Affonso do Amaral, nesta semana, assumiu a Presidência da LIBA-Liga Bochófila de Araraquara para o biênio 2013/2014. Adilson Custódio, Secre-

tário de Esportes, e o Professor Osmar Alberto Volpe (Pio), Coordenador Técnico da Fundesport prestigiaram a nova Diretoria encabeçada pelo Amaralzinho.

Após o baque causado pela morte do Andrézão, dirigentes do voleibol feminino começaram a articular ações. O Secretário Adilson Custódio recebeu a técnica Sandra Mara Leão, a sua assessora Samanta e o Prof. Pio, Coordenador da Fundesport, para definição da

programação de 2013 visando Campeonatos Oficiais. Destaque para Jogos Regionais, de julho, em Araraquara. O organograma de trabalho será oficializado tão logo sejam concluídas as obras do novo Ginásio ao lado da Pista e as reformas no Ginásio “Guilherme Fragoso Ferrão”.

Lian Gong

Em fevereiro estarão na ativa os núcleos de Ginástica – Lian Gong e Saúde nas Praças. Esse projeto da Secretaria de Esportes e Lazer/Fundesport em consonância com a Secretaria da Saúde, é considerado um dos mais importantes da administração municipal. O Prefeito Marcelo Barbieri sempre insistiu na efetivação de projetos, não só de recupe-

Vôlei

Saúde nas Praças

Pio, Samanta, Sandra e Adilson.

Estão chegando os Jogos Regionais em Araraquara. Os contatos entre a Prefeitura, Câmara Municipal, Secretaria de Esportes/Fundesport com a Coordenadoria da Secretaria Estadual estão em ritmo acelerado. Num "click" especial de Kiko Luiz, a Profa. Maria Aparecida F. Araújo, Delegada Regional de Esportes de

Araraquara; Vereador Jair Martineli; Prof. Mário Cesar Bortoluzo (Coordenador Estadual de Esportes) e Adilson Custódio (Secretário Municipal de Esportes), conversam sobre o grande evento esportivo regional de 2013. Esse encontro foi na posse do Secretário Estadual de Esportes, José Auricchio Júnior.

(Apoio cultural: Paraty)

EDITAL DE CITAÇÃO. Processo nº0015503-67.2011.8.26.0037. Classe: Assunto: NOTIFICAÇÃO – Requerente: AJAF INCORPORAÇOES LTDA. Requerido: JOANA CORREIA DA SILVA E OUTRO. EDITAL DE CITAÇÃO – Prazo de 30 dias. Processo nº001550367.2011.8.26.0037 nº de ordem – 924/2011. O Doutor SÉRGIO CÉSAR MEDINA, MM. Juiz de Direito da 5ª Vara Cível, do Foro Foro de Araraquara, do Estado de São Paulo, na forma da Lei, etc. FAZ SABER a LUIZ CARLOS MORAIS – CPF:034.752.528-80, R$14.720.215, Avenida Madre Assunta Perone, 886, Quadra D – Lote 17, Jardim Santa Clara (Vila Xavier) – CEP:14811-380, Araraquara/SP, que lhe foi proposta uma ação de Notificação por parte de AJAF Incorporações Ltda – CNPJ:00.824.407/0001-33, alegando em síntese que: com o requerido em consorcio com JOANA CORREIA DA SILVA celebraram em data de 10/02/2003 Instrumento Particular de Compromisso de Compra e Venda de um terreno localizado no loteamento denominado Jardim Ana Adellaide - sito na Av. Madre Assunta Perone, na quadra D – lote 17 nesta cidade de Araraquara/SP, pelo preço ajustado de R$12.600,00 a ser pago em 83 parcelas de R$150,00 cada uma, bem como, que os notificados deixaram de cumprir com o contrato pois efetuaram apenas o pagamento referente a entrada no valor de R$150,00 e mais primeiras 29 parcelas, estando inadimplentes desde o mês de agosto de 2005 até a presente data, pelo que requer a notificação do requerido para pagamento do valor de R$19.562,04 referente as prestações atrasadas, com os acréscimos legais e contratuais decorrentes da inadimplência, até o efetivo recolhimento, em 30 dias, sob pena de constituição em mora e rescisão do contrato, seguida de imediata retomada do imóvel. E, constando dos autos que o requerido Luiz Carlos Moraes encontra-se em lugar incerto e não sabido, é expedido o presente, com o prazo de trinta dias, em virtude do qual, fica o mesmo devidamente notificado quanto aos termos da ação proposta. E, para que este chegue ao conhecimento de todos e não alegue ignorância, vai ele devidamente afixado e publicado na forma da Lei. Araraquara, 10 de setembro de 2012.

ração, mas, acima de tudo de prevenção. Na Secretaria de Esportes/Fundesport, Adilson Custódio tem se reunido com as equipes de trabalho a fim de ampliar essa atuação. Nos próximos dias serão divulgados oficialmente os horários e locais dessa importante atividade. Mais informações: 3303-2700.

(Filmagens)


Cleide Berti Ginato precisa atender expectativa do povo, sem reclamar

SÁBADO E DOMINGO 19 E 20 DE JANEIRO DE 2013

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

G

Foto: Destaque100.com

anhou as eleições? Obviamente tinha ideia clara quando concorreu, pois, caso contrário seria irresponsável comprar de “porteira fechada”. Se comprou, sem conhecer, agora não deve reclamar. Não é hora de chorar, mas, de trabalhar como pertinentemente afirma o ex-prefeito Júnior, à página 5, respondendo às críticas formuladas pelo prefeito de

Santa Lúcia, Antonio Sérgio Trentim. “Trentim pare de reclamar e vá trabalhar”. Em Américo Brasiliense o ex-prefeito Ademir Gouvêa não se sentiu atingido ou não tinha como refutar as críticas da sucessora. Não é o caso de Santa Lúcia onde Júnior fez um mandato exemplar nos 8 anos oferecidos pela população aumentando a qualidade de vida das famílias.

Sem verba

Dizer que não tem verba não resolve problemas que afligem a população ameriliense. Cabe à prefeita Cleide, do alto de sua experiência como agente pública, buscar os meios. Esse, como pode ser entendido de várias manifestações, é o pensamento da maioria dos moradores de Américo.

Projeto Guri na região

Matrículas a partir de 28 de janeiro e aulas gratuitas

Choradeira tem O

sim explicação S

Texto: José Vitor Barbieri

e por um lado sabemos e constatamos que o poder no Brasil é muito concentrado, bem longe da população e de nossos municípios além de o repasse de recursos não ser suficiente para às demandas localizadas por conveniência política e outras mais... A população nos dias de hoje tem discernimento próprio e sabe que uma boa administração local passa pelo preparo de seus agentes políticos. Bem contraditório: a única “profissão” que não precisa se preparar é justamente a que vai tomar conta dos problemas locais buscando solução correta, pois tudo acontece nas cidades, principalmente naquelas de pequeno e médio portes, onde os olhares estão muito próximos de quem detém o poder. Portanto de nada adianta justificar algo que salta aos olhos do mais inocente

cidadão. A verdade é que falta à administração pública um batalhão de profissionais capacitados para dar sustentação executiva aos administradores “meia-boca” do bem-público. Por isso vemos diante de nossos olhos quem foi bom e quem não foi um bom administrador. Como também aqueles que não planejaram e se voltaram apenas para compromissos políticos visando sua manutenção no poder.

“ASSSIM A CHORADEIRA PELA FALTA DE RECURSOS, VERMELHO NAS CONTAS E O ABANDONO PELO BÁSICO QUE SÃO OS SERVIÇOS PÚBLICOS, A MANUTENÇÃO DOS BENS E PRÉDIOS PÚBLICOS... FICA MUITO MAIS CLARA PARA CADA CASO... E TAMBÉM PARA A POPULAÇÃO JULGAR” SE OS QUE SAÍRAM DO PODER FORAM BEM OU NÃO”. (e-mail: josevitorbarbieri@hotmail.com)

Falta de bomba V

eja esse anúncio, via face, da agora prefeita Cleide. Já tem muita gente perguntando: como em apenas em 15 dias é possível se adquirir uma bomba nova e se terá uma outra como reserva quando, em 3 anos ou mais, a população ficou sem explicação nenhuma sobre o abastecimento de água. Tem explicação?

“Cleide Berti

Boa tarde a todos. Queremos informar que com o objetivo de melhorar o abas-

Apoio

Cultural

tecimento de água, na Região Central, nos bairros Luis Ometto, São Judas, Maria Luiza, Primaveras, Planalto, compramos uma bomba nova e estaremos trocando a referida bomba de água do poço 7, nestes dias 15 e 16/01/13. Portanto, pedimos que a população destes Bairros nos ajude economizando água nestes dias. Desde já agradecemos.

Obs: A bomba que vai ser retirada será enviada para conserto, para ficar à disposição”.

Projeto Guri, programa sociocultural do Governo de São Paulo, está com vagas abertas para cursos de música na região de Araraquara. Para o primeiro semestre, serão oferecidas centenas de vagas. Para participar do Projeto Guri não é preciso ter conhecimento prévio de música, nem realizar testes seletivos. Basta que esteja matriculado em qualquer instituição de ensino da rede pública ou particular. As inscrições de 28 de janeiro a 15 de fevereiro. Podem participar crianças e jovens de 6 a 18 anos. Para a matrícula, os interessados devem se dirigir diretamente ao polo que deseja estudar acompanhados por pais ou responsáveis, levando RG (ou certidão de nascimento) e comprovante de matrícula escolar. Confira a lista de alguns pólos ligados à região de Araraquara cujas aulas serão iniciadas dia 18 de fevereiro, sendo a primeira semana de atividades de integração, confirmação das matrículas e reuniões de pais.

quintas-feiras, das 13h30 às 17h30 Endereço: Rua Mario Cesarino, 95, fone: (016) 3973-1019

Polo Ibitinga Vagas: 335 Cursos: canto coral; violão; cavaco; viola caipira; percussão e bateria Funcionamento: terças e quintas-feiras, das 08h00 às 11h00 e das 13h30 às 17h30 Endereço: Rua Roque Raineri, 81, fone: (016) 3342-7303.

Polo Nova Europa Vagas: 73 Cursos: percussão e bateria; violão; cavaco. Funcionamento: quartas e sextas-feiras, das 13h30 às 17h30. Endereço: Rua Aureliano Ricardo da Silva S/N - Vila Fraige, fone (016) 3387-1720

Polo Guatapará Vagas: 55 Cursos: viola caipira; violão; percussão Funcionamento: terças e

Polo Santa Lúcia Vagas: 73. Cursos: violão; cavaco; percussão e bateria. Funcionamento: quartas e sextas-feiras, das 13h30 às 17h30. Endereço: Rua Bento de Abreu, 570 – Centro, fone (016) 3396-7559. Secretaria de Estado da Cultura Renata Beltrão (11) 2627-8164 rmbeltrao@sp.gov.br (Contato: Amanda Sena (11) 2627-8169 asena@sp.gov.br)

Doçura Pa n i f i c a d o r a

Polo Araraquara Vagas: 186 Cursos: canto coral, violino, viola, violoncelo, contra baixo, flauta transversal, clarinete, saxofone, trompete, trombone, eufônio e percussão Funcionamento: quartas e sextas-feiras, das 13h30 às 18h. Endereço: Rua São Bento, 909, Casa da Cultura, fone (16) 3322-9708

Polo Bocaina Vagas: 42 Cursos: percussão e bateria; violão Funcionamento: terças e quintas-feiras, das 8h às 11h Endereço: Rua Américo Brasiliense, 584, fone (14) 3666-3233

Polo Rincão Vagas: 93. Cursos: canto coral; violão; percussão e bateria. Funcionamento: terças e quintas-feiras, das 13h30 às 17h30. Endereço: Rua Vinte e Um de Novembro, 298, fone (016) 3395-2016

Cada dia mais gente feliz

Encomendas: 3392-4870 Parabéns aos aniversariantes

19- Maria Ap. Moreira, Maria Ap. Megda Moreira, Danilo Bononi e Claudinei Belizário da Silva 20- Gabriela Marsili Dias 21- Tatiana Bombarda, Rogério Pacagnella, Marília Silveira Barbieri e Willian Aparecido Carrasco. 22- Ana Paula Dall’Acqua, Maria Lúcia Crescenzio Crizolari e Antonio Carlos P. Leite

Fone: 3301-2299

Av. Dr. Leite de Moraes, 1066 - Vila Xavier - Araraquara

Site: www.tetonovo.com.br - e-mail tetonovo@tetonovo.com.br

24- Fernando do Espírito Santo dos Reis e Dr. Joaquim Meirelles 25- Paulo dos Santos Seves, Felipe Henrique de Paula, Teresina de Luca Franciscato, Gustavo Morelli, Aldemir Belineli e Diogo Augusto Ventrillo 27- Paulo Vitor Bortoli, Helena Maria Barbosa Senna e Valdeci Lourenço Pano

11

Mudança

Os vereadores aprovaram alteração no horário das sessões ordinárias: será às 18 horas. A esperança é aumentar o número de visitantes.

Vagas

O Centro de Capacitação Social e profissional Espaço Kaparaó, órgão da Prefeitura de Araraquara, tem vagas no período da tarde para cursos gratuitos de assistente administrativo e operador de supermercado. Informações 3324-8809.

Explosão

Criminosos explodiram caixa eletrônico na Alameda Paulista, Vila Xavier. Polícia Militar afirma que vizinhos do caixa, instalado no estacionamento do Paulistão, ouviram forte barulho por volta das 2h. É o primeiro caso do ano registrado na cidade.

Cobertura

O novo prédio de embarque e desembarque do Aeroporto Bartholomeu de Gusmão de Araraquara recebeu o primeiro módulo da cobertura de 1.700 m2. Segundo o mestre de obras, Carlos Júnior (Engerb), a próxima etapa é a construção do piso; instalação de elevador e equipamentos operacionais. “A obra civil está 80% pronta”, avalia.

Pipa

As pipas foram responsáveis por 110 interrupções no fornecimento de energia elétrica em Araraquara em 2012. Os dados foram fornecidos pela CPFL Paulista, mas, torna-se salutar informar que as pipas sempre existiram.

Grana

O vice-prefeito tem expectativa de poder, mas, mesmo sem fazer nada ganha metade do salário do titular. Esse é um desvio importante, um vazamento do caixa popular que merece ser debatido nacionalmente.


12

Médicos inaptos: SÁBADO E DOMINGO 19 E 20 DE JANEIRO DE 2013

JORNAL DE ARARAQUARA www.jornaldeararaquara.com.br

algozes ou vítimas? A tevê mostra falta de condições para atender demanda nacional. Médicos recém-formados são acusados e novas faculdades são criticadas. O médico Miguel Srougi, pós-graduado em urologia pela Universidade de Harvard e professor titular de urologia da Faculdade de Medicina da USP, na Folha de São Paulo (7/1/13), página A3, publicou artigo pertinente para o debate de nossas autoridades e focaliza aspecto interessante na relação médico-paciente. Este, indubitavelmente a vítima maior que fica em hospitais lotados sem as condições amplas para a defesa de sua vida. “O problema local só poderá ser bem encaminhado se atentar para a sua ramificação nacional”, diz nosso editor ao colocar o tema para debate dos leitores (e-mail redacao@jornaldeararaquara.com.br)

O

Miguel Srougi (*) s últimos dias não foram de felicidade para os brasileiros. Entre outros motivos, descobriram que 54,5% dos médicos recém-formados da nação são inaptos para a profissão. Não fiquei surpreso com o número e com a indignação. Afinal, lideranças e educadores médicos já conheciam a indecência e, impotentes, nunca conseguiram eliminá-la. Sem tergiversar, julgo que profissionais inaptos devem ser impedidos de exercer a profissão e que uma legislação impondo um exame de capacitação dos novos médicos já deveria ter sido promulgada. Contudo, não posso deixar de expressar certa angústia quando dirijo um olhar a esse grupo. Confesso que nunca me deparei com um médico recém-formado que não acalentasse o sonho de se tornar um profissional respeitado. Se isso não se concretiza, suspeito que outras razões produzem o descompasso. Entre elas, a mistura de uma sociedade complacente e governantes incompetentes. Como ignorar a influência negativa da sociedade, que se rejubila com a abertura de novas escolas médicas, iludida

pela ideia de que estão sendo criadas maiores oportunidades para seus jovens? Cedendo a esses apelos e à pressão de empresários oportunistas, o governo federal autorizou, entre 2000 e 2012, a abertura de 98 novas faculdades, perfazendo um total de 198 escolas no país; nos Estados Unidos, habitado por 314,3 milhões de pessoas, existem 137 instituições similares.

Mais importante do que abrir faculdades é aumentar as vagas para residência. Novos médicos são vítimas de um enredo perverso Numa nação de dimensões continentais e insuportável desigualdade, seria racional que as novas escolas médicas fossem acomodadas em regiões remotas do Brasil. Contudo, 70% delas foram instaladas na região sudeste, rica e congestionada, e 74% são de natureza privada, cobrando taxas

exorbitantes de alunos. Contrariando as leis vigentes, a maioria desses centros não dispõe de instalações hospitalares adaptadas para o ensino e carecem de corpo docente qualificado. Isso indica que o processo foi norteado por interesses políticos menores e pelo anseio do lucro desmedido e predador. Agravando esse cenário, autoridades federais têm dado demonstrações adicionais de inconsequência e de tolerância suspeita. Uma comissão especial do MEC presidida pelo professor Adib Jatene descredenciou, há um ano, algumas escolas médicas, pela baixa qualidade de ensino. De forma misteriosa e inexplicável, a Comissão Nacional de Educação cancelou, em fevereiro passado, a ação corretiva adotada. Resolução nefasta para a sociedade brasileira e auspiciosa para os mesmos predadores da nação. Nossa presidente anunciou sua disposição de abrir mais 4.500 vagas para alunos de medicina (algo como 55 novas escolas). Num momento em que as universidade federais se encontram em estado de penúria, essa meta torna-se um devaneio descompassado com a realidade da nação. Mais importante do

Araraquara, no contexto nacional, vive problema na assistência médica. Uma situação que não respeita limites geográficos e exige interlocutor qualificado.

Profundo conhecedor do Sistema SUS (mapa da mina) qualidade de uma coordenadoria comprometida com a realidade.

que criar novas faculdades seria aumentar as vagas para residência médica. Cerca de 6.000 novos médicos formados a cada ano não dispõem de locais para realizar a residência, a etapa mais relevante para a formação de profissionais qualificados. Outra proposta governamental, tão cândida quando descabida, é autorizar o trabalho em nosso país de médicos patrícios formados no exterior, sem exames de proficiência. Se 54,5% de médicos recém-formados inaptos causam indignação, como reagir ao fato de que em 2011, num exame

oficial de revalidação de diplomas de 677 médicos graduados no exterior, 90,5% deles foram considerados inaptos? Termino referindo-me a uma realidade que Riobaldo, o jagunço-filósofo de Guimarães Rosa, soube muito bem descortinar. "Um sentir é o do sentente, mas o outro é do sentidor." Reconheço que as inquietações expressas sobre as aptidões dos recém-formados são justificadas por quem sente de fora. Mas como um dos que sentem de dentro, não posso deixar de dizer que, ao invés de algozes, a imensa maioria dos novos

médicos da nação são vítimas de um enredo perverso que mistura uma sociedade permissiva, escolas médicas deficientes e governantes incapazes. Que transformam esperanças incontidas em sonhos frustrados. (*) MIGUEL SROUGI, 66, é pós-graduado em urologia pela Universidade de Harvard (EUA), é professor titular de urologia da Faculdade de Medicina da USP e presidente do conselho do Instituto Criança é Vida.

Jornal de Araraquara - ED. 1030 - 19 e 20 de Janeiro de 2013  

Jornal de Araraquara