Page 1

INFORMAÇÃO COM QUALIDADE E PROFISSIONALISMO

Jornal

Proteja as Veredas!

BURITI www.jornalburiti.com.br

ANO 06 • NÚMERO 74 • JANEIRO 2014

ELES SALVAM VIDAS

Entrevista exclusiva com Valter Josafá Júnior (Juninho do hospital) sobre a atuação dos Bombeiros Civis de Três Marias PÁGINAS 03 E 04

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

Presidente estadual do PHS, Marcelo Aro visita Três Marias a convite do vereador Railson

Prefeitura apresenta nova frota de veículos à população e anuncia a construção de mais 370 casas populares

PÁGINA 06

Gerdau anuncia investimento de R$5,8 bi em Minas, mas PÁGINA 04 Três Marias fica de fora ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

Vereador Manoel Castelo Branco garante verba para escadaria iluminada no Cruzeiro e construção de ponte na PÁGINA 05 Rua Cemig Copasa esclarece dúvidas sobre cobrança pela tarifa de PÁGINA 08 água

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

PÁGINAS 05 E 09 Paulo Roberto, gerente da Caixa e o prefeito Vicente assinaram o contrato no dia 23.


2

Jornal

E

DITORIAL

Este ano promete. Tem Copa do Mundo, expectativa de novos protestos e as eleições para presidente, governadores, senadores e deputados. Por falar em deputados, alguns nomes já começam a aparecer em Três Marias, outros são velhos conhecidos da população, mas que ainda não convenceram o eleitor trimariense. Até o momento temos como nomes quase certos em Três Marias, o deputado federal Saraiva Felipe, companheiro político e amigo do prefeito Vicente Resende. O deputado federal Lincoln Portela, que tenta fortalecer sua atuação no município e provavelmente o deputado federal Rodrigo de Castro, majoritário nas últimas eleições, apoiado pelo ex-prefeito Adair Divino (Bemte-vi). E ainda temos o nome de Gabriel Guimarães, contando com apoio dos petistas de Três Marias, que ganharam mais força nas últimas eleições municipais. Surpresas também podem acontecer, embora as chances sejam remotas. Já no campo dos deputados estaduais, os nomes que circulam pela cidade são muitos. Do PT, Almir Paraca e Rogério Correia alcançaram boa margem de votos nas duas últimas eleições. Tiago Ulisses e Célio Moreira tentam aproveitar a vaga deixada pelo ex-deputado Dr. Viana, que hoje é Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais. Arlem Santiago também conta com um forte apoio no município, além do deputado estadual Cássio Soares, que é secretário de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social e pode ser outro nome forte nesta disputa pelos votos dos trimarienses. Até outubro, muita coisa ainda pode acontecer afinal quem decide mesmo é o eleitor e este deve prestar muita atenção para não eleger políticos que já tiveram chances de mostrar seu trabalho a cidade e não o fizeram. Que os protestos ocorridos no ano passado possam valer como norteador de uma tão sonhada mudança política em nosso país.

AMIGOS DO

BURITI

A foto foi tirada no desfile de 7 de setembro do ano passado, mas é muito atual por homenagear a atuação da Votorantim Metais em Três Marias. Estudantes da cidade mostram neste cartaz a importância do zinco em segmentos fundamentais para a nossa sociedade.

As cooperativas ganham força em Três Marias. Com apoio da Votorantim Metais e Prefeitura, a Coopmarias (Cooperativa Vitória das Marias) e a Coopermoda (Cooperativa de Trabalho das Bordadeiras e Costureiras de Três Marias) receberam investimentos importantes para melhorar a produção e a estrutura de trabalho. Valorize esta iniciativa e conheça estas duas instituições que prestam um bom serviço na região.

GANHADORES DO NATAL DE PRÊMIOS MADA PAX 01 DVD - HÉLIO SOARES DA SILVA 01 TV 29'' - MARIA NILZA MARQUES 01 SANDUICHEIRA - MADALENE ALVES CALIXTO 01 LIQUIDIFICADOR - MARIA JOSÉ PEREIRA 01 LIQUIDIFICADR - ALEIXINA FERREIRA DE SOUZA 01 VENTILADOR - JAIR CHAVES DA SILVA 01 CELULAR SILVIO GOMES DA SILVA

Jornal

BURITI

EXPEDIENTE

Diretor de Jornalismo: Paulo Emílio Torga Bellardini Jornalista Responsável: Paulo Emílio Torga Bellardini - MG07665JP Proj. Gráfico e Editoração: Izabel Cristina A. Silva

IMAGEM

DO MÊS

BURITI

Natal de prêmios Mada Pax foi um sucesso! É sempre um prazer contar com a sociedade de Três Marias. Em 2014 temos novidades para vocês

Endereço: Rua Engenheiro Júlio Augusto, 28 - DNER Três Marias/MG CEP: 39205-000 e-mail: jornalburiti@gmail.com www.jornalburiti.com.br Para anunciar ligue: (38) 8815-4536 CNPJ: 05.459.023/0001-82 Impressão: Fumarc ‘‘Uma publicação da Speed Produções & Eventos Ltda’’ ‘‘Os artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores.’’ O JORNAL BURITI autoriza a reprodução das reportagens desde que citada a fonte. Sorteio realizado em 27 de dezembro em Curvelo.

Enquete aponta faculdade para proporcionar mais crescimento em Três Marias Através do nosso site, perguntamos aos internautas o que Três Marias precisa para crescer mais. O resultado da enquete foi o seguinte: Uma faculdade 76% Outra grande empresa 12% Um shopping 7% Investimento sério no turismo 5% A enquete foi realizada entre os meses de setembro e outubro de 2013. Foram 201 votos. 153 acham que a cidade precisa mesmo de uma faculdade; 25 consideram que um grande empresa daria mais impulso ao município; em terceiro, 14 pessoas optaram pelo Shopping e 9 em investimento sério no turismo. ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○


3

Jornal

BURITI

Valter Júnior (Juninho do Hospital) fala sobre atuação dos bombeiros civis em Três Marias Entrevista para mantermos este serviço. Fomos muito bem recebidos por diversos empresários. Procuramos então a prefeitura que se propôs a repassar subvenções para o grupamento, mas para isso teria que entrar na lei orçamentária e este recurso só seria repassado a partir do início de 2014. Não podíamos cruzar os braços diante do momento pois estávamos entrando em um período crítico de chuvas, viagens de férias e feriados e prevíamos que muitas coisas poderiam acontecer nessa época, como de fato aconteceu. Confiantes, eu e o Lucinei, com os apoios que já tínhamos, começamos a tocar o barco. Chamamos mais dois Bombeiros: Marlúcia e Andreia, e começamos a trabalhar em regime de plantão. Procuramos mais três Bombeiros: João, Valdeci e a Cintia, para atuarem em situações maiores, em que poderiamos precisar de mais pessoas, mas o custo ainda era alto diante das nossas arrecadações. Então minha esposa Edna teve uma ideia de fazermos canecas de acrílico e revendê-las para que assim pudéssemos arrecadar mais. Procuramos por alguns patrocinadores e mandamos fazer 3.500 canecas e hoje vendemos de porta em porta, para pessoas que nos procuram e temos um estande no posto Beira Rio. Temos, com muito trabalho diário, uma saída razoável de canecas. Começamos a adquirir alguns equipamentos e a manter o serviço que hoje funciona em regime de plantão durante o dia em uma base, na Rua Pernambuco, local gentilmente emprestado pela dona Zizi do saudoso Sr. Jose de Paula. Durante a noite ficamos de sobreaviso. Começamos a buscar por mais parceiros e cada vez mais íamos adquirindo a confiança da população e empresas, fazendo o trabalho proposto. JBT: Vocês tem recebido algumas doações de equipamentos como foi o do Múcio do Beira-Rio. Ainda é pouco, os empresários precisam apoiar mais? E o poder público (prefeitura, câmara, judiciário) tem dado apoio? Juninho: Sim temos recebido várias doações. O Mucio do Grupo Beira Rio que é um dos principais apoiadores dos Bombeiros já nos doou equipamentos de suma importância e de valores considerados altos como um desfibrilador automático que custa mais de 5.000,00, além de pranchas de resgate, materiais de imobilização diversos e recentemente incluímos em nossos materiais, também através de doações do Mucio, equipamentos para resgate de crianças, pois era uma carência que tínhamos, e hoje alguns equipamentos somente nós no muni-

A equipe de bombeiros voluntários civis de Três Marias, fundada há pouco mais de um ano tem tido muito trabalho e uma forte atuação no resgate das vítimas de acidentes no município de Três Marias. A maioria das ocorrências acontece na BR040 e muitas vezes geram vítimas fatais. Outras são resgatadas com vida pelos bombeiros civis. Se não fosse pelo trabalho desta equipe, o número de mortos poderia ser ainda maior. A reportagem do JORNAL BURITI conversou com o líder dos Bombeiros Civis, Valter Josafá de Miranda Junior, o “Juninho do Hospital”, como é conhecido por todos da cidade. Jornal Buriti: Você foi um dos grande defensores da criação dos bombeiros em Três Marias, muita gente não acreditou outras sim e agora comprovando realmente a importância deste trabalho. Conte como foi essa trajetória desde a formação dos bombeiros e conclusão do curso. Como está atuando a equipe hoje? Valter Josafá de Miranda Junior (Juninho do Hospital): Bom, com 23 anos de hospital percebia cada vez mais a importância de um serviço de resgate pelo menos, que fosse equipado e eficiente, pois cada vez que chegávamos em uma cena de acidente nos deparávamos com situações que pouco podíamos fazer, e quando fazíamos sempre era de forma inadequada por falta de equipamentos. Por vezes assistíamos a perda de uma vida com a angústia de estar limitado. Conhecemos no final do ano de 2012 o Bombeiro Civil, proposta que ia além do serviço de resgate, pois atendia à população em diversas outras situações. Organizamos o curso em parceria com uma empresa de Belo Horizonte chamada ABV-MG, e passamos a recrutar candidatos ao curso. Ao todo foram 85 alunos, dos quais 82 se formaram. Criamos uma associação mas por alguns problemas de ordem administrativa preferi me desvincular e atendendo a orientação de juristas, procurei pelo ex-aluno do curso de Bombeiro, meu amigo Lucinei e encaramos um desafio que foi o de abrir uma nova associação. Esta seria só a primeira etapa de uma série de desafios que teríamos, entre eles o de montar uma diretoria de pessoas idôneas e selecionar um grupo de Bombeiros Voluntários, para iniciar o trabalho, e o mais difícil era como iríamos manter tudo isso. Sabíamos que se a estrutura fosse grande não daríamos conta de manter de início. Então eu, o Lucinei e outros de minha equipe, fizemos talvez o mais ousado, que foi de sair de porta em porta pedindo as pessoas, empresas, empresários uma contribuição mensal

Equipe dos Bombeiros Civis Voluntários de Três Marias

cípio dispomos. O nosso amigo Almiro do Supermercado Leal nos doou todo equipamento de proteção individual. O grupo Gerdau também fez uma expressiva doação em dinheiro aos bombeiros e este recurso está em conta para decidirmos de forma responsável e transparente como iremos usá-lo. Promovemos um baile com o apoio da Arena Sport Show, Thiago e Nael e banda, Nathalia e Isabella e Isabela Gaspary, que nada cobraram, onde tivemos um lucro de 2.700,00, dinheiro que deixamos em caixa com a finalidade de comprarmos uma moto, para agilizar o atendimento e auxiliar no trabalho administrativo. Temos um carro de resgate que nos foi cedido pela prefeitura em regime de comodato e 100 litros de combustível por mês, mas ainda estamos desprovidos de muitas outras coisas, por exemplo hoje não temos nenhum equipamento de resgate aquático e resgate em alturas. Temos muito pouco para o combate a incêndio. Sabemos que os empresários que nos doam o fazem de coração e da forma que podem, pois cada um tem seus compromissos e por isso recebemos de coração e tudo é feito com muita transparência. JBT: O volume de acidentes e com vítimas fatais é ainda é muito grande em nossa 040, porque acontecem tantos acidentes na sua opinião? Juninho: Na verdade é preciso lembrar que hoje os veículos estão cada vez mais velozes, mais cheios de recursos. Alguns parecem espaçonaves, mas quando batem a vítima morre ou se machuca como se estivesse em um carro mais simples. Acho que o excesso de confiança e a sensação de segurança dos veículos hoje pode estar relacionado com esta fatalidade. Outra coisa é a imprudência, pois é comum vermos veículos trafegando debaixo de chuva, por exemplo, como se fosse meio dia de sol quente. Aí quando precisa freiar bruscamente ou fazer uma curva que exige mais do veículo é que se percebe que “‘agora é tarde” e ai a falsa sensação de confiança, o excesso de velocidade e muitas vezes a imprudência sempre chega a resultados drásticos como podemos ver famílias sem do destruídas por acidentes que talvez não precisavam ter acontecido. JBT: Quantos atendimentos vocês já fizeram? Fale sobre os que mais te marcou? Juninho: Desde janeiro de 2013 fo-

ram atendidas mais de 450 ocorrências de todas as espécies. Deste que criamos a nova associação, em meados de setembro, atendemos mais de 70 ocorrências, para se ter uma ideia entre o dia 10 de dezembro ao dia 25 de dezembro, somente neste período, foram 19 acidentes com 4 vítimas fatais, além de 2 afogamentos com óbito. O que mais nos marcou talvez não seria interessante relatar aqui para não obrigar um possível leitor a se lembrar de uma tragédia em que fora vítima, mas para nós o mais difícil é quando atendemos acidente em que se tem crianças envolvidas. Sempre temos que baixar a cabeça e fazer o trabalho sem envolvimento emocional, é chegar e fazer, mas com criança realmente é difícil. JBT: Quanto aos afogamentos, queimadas e incêndios, vocês estão preparados pra isso também? Já atenderam chamados nesse sentido? Juninho: Na verdade atendemos a todos os chamados, e por diversas vezes já fomos para grandes incêndios florestais e até de residência e sempre contamos com o apoio da brigada da Votorantim Metais que disponibiliza sua equipe através do Daniel e Raminez, pois nossa estrutura para combate a incêndio é mínima e para isso contamos também com o caminhão da prefeitura. Como disse anteriormente nossos recursos hoje para resgate aquático é zero, porém em todos os eventos sempre contamos com o apoio do Bombeiro Militar de Curvelo, que são atenciosos e fazem este trabalho. JBT: Como está a estrutura dos bombeiros civis hoje em Três Marias? Juninho: A nossa estrutura hoje é mínima, pois temos 2 bombeiros de plantão a cada 24 horas e em casos de maiores gravidade podemos chamar mais 3. O fato é que não podemos cobrir as despesas de um grupo maior, e hoje trabalhamos com o mínimo. Mas o proposto para o futuro é de ampliarmos o nosso quadro de forma que possamos oferecer mais segurança à população. Hoje quando vamos para um acidente e ficamos por horas no local, a nossa base fica desprovida de pelo menos um bombeiro para eventuais urgências, sabemos disso e temos a intenção de melhorar este quadro, mas temos que nos estruturar financeiraContinua na página 04

)


4

Jornal

BURITI

mente primeiro para darmos outro passo. Além disso, neste mês de Janeiro eu e o Lucinei faremos um curso de atendimento pré-hospitalar avançado em situações de catástrofes, com o objetivo de salvar o maior número de vítimas, pois nossa ideia é além de atendermos nosso município, nos colocarmos à disposição do Estado de Minas Gerais se não do Brasil para ajudarmos em situações de tragédias tão comum hoje em dia conforme acompanhamos nos noticiários. JBT: Quem quiser contribuir, como deve fazer? Juninho: Os interessados em contribuir pode nos procurar, pois trabalhamos com sistema de boleto bancário, débito em conta ou até mesmo depósito em conta especifica dos Bombeiros: Sicoob São Francisco AG.: 3145 CC.: 9777-2, e Banco Itau AG.: 4066 e CC.: 21999-1. Àqueles que fizerem a doação pessoalmente é repassado um recibo com valor e mês referente à doação e posteriormente encaminhado a contabilidade Wilson. JBT Em especial você gostaria de agradecer alguém pelo apoio? Juninho: Sim, nós fazemos o serviço de campo, mas tem uma turma por traz que é a turma do faz acontecer. Sem eles nada disso seria possível. Por isso agradeço muito aos nossos apoiadores Lanise, Milena, Romulo, Eleuza, que saem de porta em porta vendendo canecas, e estão sempre dispostos. Minha esposa Edna, nossa au-

Desde janeiro de 2013 os bombeiros civis de Três Marias atenderam mais de 450 ocorrências, a maioria envolvendo acidentes na BR040

xiliar administrativa, quem cuida de nossa logística e das vendas de canecas, pois trabalha quase todos os dias no nosso estande no Posto Beira Rio, e é nossa cabeça pensante. Meu filho Gabriel, que cuida de nossos equipamentos. Dr. Willian Dornas nosso advogado que muito tem feito pelo nosso sucesso e pela criação da associação e em parceria com o Náutico Iate Clube tem nos dado um grande apoio. Aos bombeiros da equipe: Cintia, Andreia, Marlucia, Valdeci, João Carlos, e de modo geral a todos os Bombeiros que se formaram e que estão sempre prontos a servir. Ao Dr. João Wilson nosso tesoureiro e contador; a todos os membros da diretoria da associação; Votorantim Metais na pessoa do Raminez e Daniel; 3M serviços Ambientais; Mucio Zucconi do Grupo Beira Rio; Policia Rodoviária Federal; Policias Militar e Civil; Hospital São Francisco; ao Dr, Rodrigo; Gerdau; CEMIG; Prefeitura Municipal; Câmara dos Vereadores, por aprovarem nos-

Recebendo doação do empresário Almiro

Recebendo doação do empr.Múcio Zucconi

sos projetos e leis; a todos os nossos contribuintes mensais desde os pequenos empresários e pessoas físicas; às igrejas, pois para nós quem doa menos tem a mesma importância de quem doa mais, é com o pouco de cada um que estamos fazendo este trabalho. E ao meu companheiro Lucinei, que confiou em min, entendendo o proposto e junto comigo partiu para o trabalho deixando toda sua vida pessoal de lado para cuidar dos Bombeiros, enfim a todos que de alguma for-

ma direta ou indiretamente tem nos apoiado, fazendo que este trabalho se torne realidade. JBT: quem precisar acionar os bombeiros, tem algum número ou plantão? Juninho: Nosso plantão é de 24 horas e estamos disponíveis para atendimentos de “urgências” como acidentes, quedas com fraturas, atropelamento, Parada Cardíaca entre outras, podendo ser acionados pelos números OI 38-8847-3250 e TIM 38-92381004.

REDE SINDIJORI DE COMUNICAÇÃO

Gerdau anuncia investimentos de R$ 5,8 bilhões em Minas Gerais A Gerdau, líder no segmento de aços longos nas Américas e uma das principais fornecedoras de aços longos especiais do mundo, anunciou junto ao Governo de Minas, em solenidade no Palácio da Liberdade, investimentos de R$ 5,8 bilhões até 2020, principalmente voltados para a expansão das atividades de mineração de ferro da Companhia. A iniciativa deve gerar 2 mil novos empregos diretos e 300 indiretos no Estado. Além disso, devem ser criados 9 mil empregos temporários

durante o período de obras. Com esses investimentos, a Empresa ampliará a sua capacidade de beneficiamento de minério de ferro para 24 milhões de toneladas/ano até 2020. Esses investimentos envolvem a expansão da unidade de tratamento de minério 2 (UTM2), com conclusão do projeto para o final de 2016, e a construção de uma nova unidade nesse segmento (UTM3), que deverá iniciar sua operação ao término de 2020. Os empreendimentos estarão localizados

em Miguel Burnier (Ouro Preto) e Várzea do Lopes (Itabirito). Além disso, a Gerdau construirá em Minas um centro de industrialização de aços planos, segmento em que passou a ter produção própria neste ano, com a entrada em operação do laminador de bobinas a quente na Usina Ouro Branco. A unidade deverá iniciar suas operações em 2016 e prevê a produção e a distribuição de produtos como chapas, fitas, bobinas, perfis e telhas. A Gerdau como uma das empresas

Foto: Ivo Pera Eboli/Emater MG

Em Três Marias a Gerdau possui grande área de plantação de eucalipto

que procura cuidar do meio ambiente deveria anunciar mais nos veículos do interior para dar ciência à população de como preservar as nossas florestas. (Jornal Baruc - Congonhas/MG)

CARNAVAL 2014

Prefeitura prepara festa com resgate de matinês e blocos carnavalescos A Prefeitura de Três Marias, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Esporte, Turismo e Cultura (Secetur), vai oferecer à comunidade de Três Marias e aos visitantes uma festa de carnaval com muitas novidades. A aposta é no resgate das tradicionais marchinhas carnavalescas e nos blocos de foliões. Com inicio no dia 28 de fevereiro, véspera do aniversário de 51 anos de Três Marias, o Carnaval 2014 vai ter duração de cinco dias com shows e programações

na Praça de Evento JK, na Praia Mar de Minas e também na Praça João XXIII, que entra para o circuito da folia sediando espaço para matinê com carnaval infantil. A festa destinada à criançada será realizada no sábado e no domingo com show dos palhaços Frajola e Mariola logo após apresentação da Banda da Fada. A abertura oficial está prevista para o dia 1º de março, às 8 horas, na Praça João XXIII. Os sons automotivos vão “puxar” os blocos da Terceira Idade, Banda Mole, Bloco do Ruquinho, Bloco da fada e todos que

queiram participar da brincadeira, até a Praça de Eventos. Tanto na Praça de Eventos quanto na Praia Mar de Minas e Praça João XXIII os

Praça de Eventos Sexta-feira (28/02) – Free Asa Sábado (01/03) – Fred e Thiago Domingo (02/03) – Swindara Segunda-feira (03/03) – Virou Samba Terça-feira (04/03) – Vai Brasil

shows são gratuitos. Até o momento, a programação divulgada pela prefeitura é a seguinte:

Praia Mar de Minas Sábado (01/03) – Will Domingo (02/03) – Thiago e Nael Segunda-feira (03/03) – Túlio Guerreiro (aguardando confirmação) Na terça-feira, último dia de festa, haverá som mecânico.


Jornal

BURITI

5

Prefeitura apresenta nova frota de veículos No dia 16 de janeiro, quinta-feira, a prefeitura municipal de Três Marias apresentou a nova frota de veículos à população. Adquiridos por meio de programas do Governo Federal e Estadual, indicações e emendas parlamentares, os veículos foram apresentados aos trimarienses através de uma carreata pelas ruas da cidade, organizada pela equipe de governo da Prefeitura. “Estamos renovamos e ampliamos nossa frota, colocando em operação novos veículos e equipamentos para melhor atender a comunidade”, declarou o prefeito Vicente Resende. Micro ônibus escolar - 28 lugares doado pela secretaria de Estado da Educação , através de indicação do deputado estadual Tiago Ulisses. Ambulância Doblô doada pela secretaria de Estado da Saúde, indicação do deputado federal Lincoln Portela. Veículo Sandero também doado ao munícipio através da secretaria de Estado da Saúde, por indicação do ex-

secretário de estado Antônio Jorge. Strada Cabine Dupla , adquirida através de termo de ajustamento de conduta, indicação do promotor de justiça, Dr. José Antonio Freitas Dias Leite. Doblô Passageiro para atender ao conselho tutelar, termo de ajustamento de conduta, também indicação do promotor de justiça Dr. José Antonio Freitas Dias Leite. Caminhão Pipa 8 mil litros , adquirido através do programa PróMunicipio do Governo de Minas . Motoniveladora doada através do programa PAC 2 do governo Federal, indicações dos deputados Saraiva Felipe e Gabriel Guimarães . Aquisição de implementos agrícolas e carretinha, adquiridos através de recursos próprios do munícipio. Roçadeira Hidráulica adquirida por meio de termo de ajuste de conduta, indicação do promotor de justiça Dr. José Antônio Freitas Dias Leite.

Governador Anastasia promulga lei para estímulo à atividade de cuidador de idoso

M

inas Gerais terá uma política estadual para estímulo à atividade de cuidador de idosos. Lei nesse sentido foi promulgada pelo governador Antonio Anastasia e publicada na edição do último sábado (18), do Minas Gerais – Diário Oficial do Poderes do Estado. A Lei nº 21.155 visa melhorar a atenção prestada ao idoso, incentivar a formação de cuidadores de idoso no Estado, fortalecer a profissão e ampliar o número de profissionais qualificados nessa área. Foram definidos como princípios dessa política a proteção dos direitos humanos do idoso, bem como a melhoria da qualidade de vida e manutenção da convivência social do idoso. Minas Gerais é o segundo estado brasileiro com o maior número de pessoas idosas, atrás apenas de São Paulo. “As previsões e estatísticas atuais apontam para um grande crescimento da população idosa em nosso país e o Governo de Minas tem acompanhado esta evolução ao aprovar leis importantes como esta, promulgada pelo governador Anastasia que valoriza as atividades dos cuidadores de idosos em nosso Estado e visa a melhoria da atenção prestada à população com mais de 60 anos”, comentou o secretário de Trabalho e desenvolvimento Social, deputado estadual Cássio Soares. Ao todo, há cerca de 2,6 milhões de idosos em Minas, segundo dados da Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílio (Pnad) do Instituto Brasilei-

Escadaria Iluminada no Cruzeiro e Ponte da Rua Cemig, com Gabriel e Durval

Foto: Paulo Emílio Bellardini

Gabriel Guimarães com Durval Ângelo (PT): Escadaria no Cruzeiro e Ponte Rua Cemig.

Cássio Soares assumiu também a pasta de trabalho e emprego, que se uniu ao desenvolvimento social por determinação do governador Antonio Anastasia

ro de Geografia e Estatística (IBGE), o que representa aproximadamente 12% da população mineira. Essa lei vem se somar a outras iniciativas do Governo de Minas no sentido de beneficiar a população com idade superior a 60 anos. Na última quarta-feira (15), Anastasia promulgou a lei que cria o Fundo Estadual dos Direitos do Idoso, medida que representa um marco histórico na gestão de políticas públicas, projetos e ações voltadas para a população idosa. No início do mês, foi sancionada a lei garantindo transporte intermunicipal gratuito para pessoas idosas ou com deficiência, benefício que vai vigorar a partir de primeiro de março.

Manoel Castelo Branco, montando projetos e viabilizando os recursos para as obras.

O vereador Manoel Castelo Branco obteve com o dep. federal Gabriel Guimarães uma verba de R$350.000,00 do Ministério do Turismo para obras em Três Marias. Esta primeira verba conseguida pelo vereador Manoel Castelo Branco foi destinada para o bairro Sebastião Alves, onde o vereador instituiu quando foi prefeito a reserva ambiental do Cruzeiro, para a segurança do bairro e aproveitamento turístico, com desapropriação de cerca de 5 hectares, no morro alto. No entanto, como o Ministério do Turismo não aprovou a indicação da verba para a ponte da Rua Cemig, sob o argumento de que não se trata de um equipamento turístico, e sim obra de infraestrutura urbana para servir o tráfego entre os bairros, foi exigida uma nova indicação para aplicação da verba. O vereador Manoel Castelo Branco se reuniu com a secretária de Turismo - Amélia e manifestou que a verba deve permanecer para investimento no bairro Sebastião Alves. A nova indicação é para construção de Escadaria Iluminada no Cruzeiro, subindo da última rua asfaltada no cinturão central do morro até o local da Cruz, um antigo sonho dos freqüentadores do Cruzeiro, de todos os segmentos religiosos, sejam penitentes católicos ou os evangélicos que “sobem o monte” para orar, como também os espíritas e não crentes, pelo belo cenário do alto. O vereador Manoel Castelo Branco fez contato com o dep. estadual Durval Ângelo e este garantiu que vai liberar outra verba para construção da ponte da Rua Cemig, para complementar o investimento turístico no morro do Cruzeiro e beneficiar uma grande região, interligando o chamado Centro/Fundão com o conjunto dos bairros São Jorge, Sebastião Alves e Marabá. O prefeito gostou da idéia da Escadaria Iluminada e anunciou que vai convocar um concurso de projetos de arquitetura para a obra, mas Manoel Castelo Branco insiste que deve ser mantido o monumento da Cruz vazia no pico do morro, que é tradição no local e faz a pregação de que o Cristo que lá estava ressuscitou e está vivo, subiu aos Céus e vai voltar (Atos 1: 9-11). O deputado Gabriel Guimarães confirmou que faz dobradinha programática com o deputado Durval Ângelo, que são parceiros e vão atuar juntos nessas obras.


6

Presidente do PHS mineiro visita Três Marias O vereador de Belo Horizonte e presidente estadual do PHS (Partido Humanista da Solidariedade) Marcelo Aro esteve em Três Marias no último dia 21. Aro foi recebido pelo presidente do partido na cidade, o vereador Railson Eustáquio, que organizou um encontro com a participação de várias lideranças políticas do município e companheiros de partido. Na ocasião, o presidente estadual discursou sobre a importância de se fortalecer o partido na região, além de acompanhar e conversar sobre os mandatos exercidos pelos membros do PHS em Três Marias. O jovem parlamentar da capital mineira – que também é formado em Jornalismo e cursa Direito na Faculdade

Milton Campos – quer consolidar um futuro brilhante para a legenda, aumentando ainda mais a notoriedade do partido nas próximas eleições. Sob sua tutela em Minas Gerais, planeja aumentar em 100% o número de filiados, além de eleger deputados estaduais e federais no pleito de 2014. “Em 2013, foram mais de 300 cidades visitadas pela Executiva Estadual. Com dedicação e trabalho coletivos, vamos conseguir”, completa. Aro desponta no cenário político mineiro como uma jovem e enérgica liderança. Acompanharam o presidente estadual em entrevistas nas rádios 104,7 FM Três Marias e na 87,9 Canaã FM o vereador Railson e a Dra. Cássia Magali.

Lideranças do Partido durante encontro com Marcelo Aro

Vereador Railson e Marcelo Aro, vereador em BH e pres. do PHS de MG


7


8

Jornal

BURITI

Copasa esclarece cobrança da tarifa de água Cobrança de tarifa dos serviços de abastecimento de água praticada pela Companhia é definida pela Arsae-MG e aplicada, igualmente, em todos os municípios Os valores cobrados pelos serviços de tratamento de água e esgotamento sanitário operados pela Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) são determinados pela Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário de Minas Gerais (Arsae-MG), de acordo com a Resolução 20/2012, e são os mesmos cobrados pela Companhia em todas as cidades do Estado em que atua. Hoje, de acordo com a regulação da Arsae, a cobrança da tarifa de água corresponde aos serviços de captação, tratamento, fornecimento e manutenção das redes de abastecimento urbano. Em Três Marias, assim como em vários outros municípios atendidos pela Copasa, desde o mês de junho de 2012 é feita a cobrança pelo uso de recursos hídricos, tarifa que incide sobre o percentual de consumo de água de cada imóvel e é administrada pelo Sistema Estadual de Gerenciamento dos Recursos Hídricos (Segrh-MG). A cobrança é legal e está baseada na Lei Federal 13/99. Segundo Eduardo Rigotto, gerente do Distrito do Baixo Rio das Velhas (DTBV) da Copasa, os custos decorrentes do uso dos recursos hídricos para o abastecimento local são proporcionais aos volumes de água consumidos pelos usuários. “Se uma família consome, por exemplo, 20 metros cúbicos de água por mês, vai pagar apenas por este consumo, acrescidos dos impostos estaduais e federais que incidem sobre qualquer conta de água em todo o país. Portanto, não se paga nem mais, nem menos pelo consumo de água em Três Marias, assim como em todos os municípios onde a Copasa atua”, afirma.

Tarifa Social: benefício às famílias de baixa renda A Copasa lembra ainda que famílias com renda de até meio salário-mínimo por pessoa, inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais, podem solicitar a tarifa social para as contas de água. A residência beneficiada pelo programa tem desconto de até 40% na cobrança. Quem está dentro do critério da renda, mas ainda não possui o Cadastro Único, deve ir à prefeitura de Três Marias para obter mais informações e efetuar a sua inscrição. Após obter o Cadastro Único, é só procurar a Agência de Atendimento da Copasa e fazer o pedido da tarifa social. Assessoria de Comunicação – Copasa

Concluída mais uma etapa do mutirão de cirurgias vasculares Foto: Paulo Henrique

Adriana Cristina comemora com equipe médica a cirurgia vascular

Foi realizada a segunda etapa do mutirão de cirurgias vasculares, através do SUS em parceria com a Prefeitura de Três Marias. De acordo com a secretaria Municipal de Saúde, a lista de espera pelo procedimento está em quase 200 pacientes e o número

de cirurgias previstas para o município é de 310 intervenções que serão realizadas no período de um ano. Na primeira fase do mutirão, que aconteceu em dezembro, 22 pessoas foram operadas. Nesta segunda fase, que aconteceu nos dias 17, 18 e 19 de janeiro, 25 cirurgias foram realizadas de acordo com informações da secretária Municipal de Saúde, Claudete Scolforo. O médico responsável pelos procedimentos é Ébio Siqueira Araújo, Angiologista e Cirurgião Vascular. Adriana Cristina da Silva, de 34 anos, moradora do Bairro São Jorge, foi a primeira pessoa a passar pelo processo cirúrgico. “Iniciei meu tratamento com a Dra. Márcia, excelente médica, e hoje estou operada. Sentia fortes dores e hoje quero agradecer à equipe de profissionais que me atendeu muito bem e a toda equipe de governo pelo excelente trabalho que estão desenvolvendo”, avalia.

Definitivo? Mas nunca decisivo. Partamos do principio. Quando se tem medo de decidir. Sempre se quer uma reunião, um encontro ou uma conversa definitiva. Que sintomaticamente, nada decide. Porque servem de manter uma válvula de escape para depois. O que é definido é decidido. Nem sempre. Ou quase nunca, seria melhor dizer. A partir do momento que sabemos que nem a vida é definitiva. Que sempre será alvo de mudanças. Alterações bruscas e brandas. Para melhor e para pior. Então nos escondemos atrás dos definitivos. Nada mais sagaz. Inteligente. Da esperteza humana. Muito mais talvez até da nossa incerteza e insegurança. Pode-se até rotular a conversa, o encontro ou a reunião de decisivamente definitiva. Mas será que sempre o que ficou definido, ficou também decidido. Ou o que ficou decidido estará também definido. De nada adianta tentarmos achar uma desculpa. Qualquer que seja. Porque se ao final ficou definido, não está decidido. Se foi decidido, não foi definido. Tudo aquilo que se define hoje pode não parecer assim amanhã. Toda decisão de agora pode ser revista depois. E fatalmente em decisão que coloca uma definição unilateral. Sendo assim então, fica claro. E bem claro. Que tudo que foi definido, não foi também decidido. E o talvez decidido, não bem definido. Porque faz parte de nós. De todos nós. O ter medo. De errar. Esquecendo que a vida é feita mais de erros do que de acertos. Que são eles que corrigem nossos rumos. E nos fazem acertar mais. Embora nos escancarem a insegurança. Fala de projetar definições de vida, que faz faltarem decisões corretas. Ou quase certas. Têm-se medo do que dirão do que faremos melhor não haver definições. Muito menos decisões. Entre as duas só haverá uma coisa. Perda de tempo. Na vida. Que todos sabemos, não é definitivo. Então, porque não decidir logo. E que se danem as definições. Dos outros. O mais importante sempre será. Decidir ser vida. E logo. Se nos arrependermos depois. Ninguém ira nos consolar. Antonio Jorge Rettenmaier, Cronista, Escritor e Palestrante. Esta crônica está em mais de cem jornais impressos e eletrônicos no Brasil e exterior. Contatos, ajrs010@gmail.com

Adquira já os exemplares “A venda nossos livros Ele! e Ele voltou!, dois livros por R$35,00, 14,50x10 estilo cordel, 36 paginas cada. Pedidos ajrs010@gmail.com pagamento Banrisul e Banco do Brasil.

Acredito que quem adquirir ficará satisfeito com o baixinho “ELE!”

Fonte: Divisão de Comunicação Social da Prefeitura de Três Marias

La Bella é a vencedora do concurso “Vitrines de Natal” A ACE/CDL realiza em 2013 a 9ª Edição do Concurso “Vitrines de Natal”, que tem como principais objetivos estimular a criatividade das decorações natalinas e tornar a cidade mais bela para festividades de final de ano. A comissão julgadora do concurso foi composta pelos seguintes membros: Frederico Aleixo, Renata Zucconi e Zackia Daura Resende. Temos a satisfação de comunicar-lhe as três EMPRESAS CLASSIFICADAS no concurso “Vitrines de Natal-Edição 2013”.

1° Lugar: La Bella

INTERNET BANDA LARGA É AQUI!

(38) 3754-2660 www.3mnet.com.br


Jornal

BURITI

Náutico Três Marias Iate Clube é referência em lazer, turismo e eventos

9

Ensaio Fotográfico por Jocasta Pereira

Jully Anne

Com excelente infraestrutura o Náutico oferece aos sócios, visitantes e turistas opções de lazer como pesca esportiva, atividades recreativas e culturais, esportes náuticos, além dos tradicionais eventos promovidos ao longo da eficiente gestão administrativa. Eventos que se consagraram como o “Churrascando”, carnaval com desfile da “Banda Mole”, Réveillon e muitos outros. Tudo isso, às margens do belo lago de Três Marias, que por si só, encanta qualquer turista pela beleza de sua formação. A atual gestão do Náutico Três Marias Iate Clube vem dando sequência a um trabalho de integração e apoio entre todos os sócios do clube, promovendo também o intercâmbio sócio-cultural com várias instituições turísticas e administrativas da região. Atenta à comodidade de seus sócios, a diretoria realiza ainda investimentos constantes para melhoria e modernização do espaço o que só é possível graças à recuperação de sua infraestrutura elétrica e hidráulica, de dívidas federais deixadas pelos interventores e pequena receita de condomínios defasados que serviriam para a manutenção e investimentos no local. Os responsáveis por este quadro são os administradores, comandados pelos seus Comodoros, Luiz Carlos Diniz, José Carlos Botelho e o atual, William Bertozzi Dornas, em duas gestões cada, atingindo um equilíbrio entre estas receitas e despesas para a manutenção e evolução do Náutico. Dentre as ações merecem destaque a ampliação do hangar de embarcações e do salão de eventos “Espaço Cultural Guimarães Rosa”; a construção do novo píer no parque náutico, além da manutenção de jardinagem, reformas da secretaria, banheiros e dependências. É cada vez mais nítido, o envolvimento da gestão administrativa do clube com seus funcionários, sócios e colaboradores. A contribuição do Náutico para o município de Três Marias é outro fator relevante, pois aquece a

economia local e os comerciantes agradecem. Valores expressivos e aportes de capital realizados pelos sócios (contribuições extras para investimentos) e as receitas decorrentes de convidados e turistas nos eventos, principalmente no “Reveillon”, Carnaval e Semana Santa, além dos feriados resultam em melhorias constantes e inserem o Náutico em eventos esportivos de expressão nacional e internacional, como foi o “Campeonato Brasileiro da Classe Laser de 2012”, Torneios Anuais de Pesca Esportiva, outros Campeonatos regionais de barcos a Vela, Mineiros e Oeste (Minas, Goiás e DF), além da infraestrutura no seu Parque Náutico para guarda e movimentação de embarcações de até médio porte para navegação. Existe uma integração entre diretoria, sócios, visitantes e o município de Três Marias que permite ao Náutico se firmar cada vez mais como referência turística na região e em Minas Gerais. Gradativamente, o Náutico Três Marias Iate Clube, desenvolve atividades sociais e eventos que possibilitem aos seus sócios, trazer para o seu convívio e de seus dependentes, pessoas que buscam, além da prática do “hobby” pesca, momentos agradáveis em ambiente saudável e de rara beleza pelas paisagens exuberantes, formadas pela natureza e conscientemente trabalhadas pelo homem, agregando às suas necessidades de lazer, novas amizades com a prática dos esportes especializados, náuticos, de ecoturismo, caminhadas, os radicais ou simplesmente visitas às cachoeiras. O carnaval está chegando e uma boa pedida é curtir a festa mais esperado do ano no Náutico Três Marias que realiza a tradicional e animada Banda Mole, com momentos de diversão entre sócios, convidados e visitantes. Vale a pena conhecer e desfrutar das maravilhas deste ambiente às margens do belo lago de Três Marias, um local de rara beleza, excelente infra-estrutura e harmonia.

Prefeitura vai iniciar construção de 370 moradias populares No dia 23 de janeiro o Prefeito Municipal de Três Marias, Vicente Resende, assinou contrato com a Caixa Econômica Federal, através do Projeto Minha Casa Minha Vida, para início das obras de 370 unidades habitacionais. As casas serão construídas na região da Igreja da Satélite. De acordo com informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura, o processo para seleção dos adquirentes dos imóveis será feito com base em inscrições já realizadas no governo anterior, mas que após análise e conferência dos inscritos será aberta nova fase de inscrições para complementar. O lançamento da pedra fundamental das obras está previsto para 1º de março, aniversário de 51 anos Três Marias.

Eva


10

Jornal

BURITI


11

Jornal

BURITI

De onde vem os bebês? Não. Esta não é uma pergunta de uma criança curiosa. Trata-se apenas de uma divagação sobre as novas famílias que estão surgindo. Se aquela história de “os meus, os seus e os nossos” já era diferente da estrutura familiar legitimamente aceita quer seja pela religião, por puritanos ou conservadores e por uma parcela da sociedade, o que será que eles diriam dos novos quadros de convivência em família que estão se formando? Antes de tudo, quero deixar claro que este texto não carrega nenhuma intenção de preconceito e muito menos de julgamento. Achei interessante uma história que conheci recentemente, me surpreendeu e resolvi dividir. Talvez esta surpresa tenha sido conseqüência de certo grau de conservadorismo de minha parte? Talvez. Mas preconceito, nunca. Até porque, no final das contas, você leitor (a), vai achar lindo e humanamente incrível, mesmo que um dedo, ou as duas mãos inteiras, da ciência. Assistindo a uma reprise de um programa do canal GNT, conheci a história de duas mulheres que resolveram engravidar. Mariana e Paula, um casal que se formou após paixão repentina de Mariana, que na adolescência namorou uma menina e já sabia que nunca se casaria com um homem, embora sempre sonhasse com a maternidade.

Com predisposição genética ao câncer de mama já tinha decidido planejar tratamento de fertilização in vitro. Foi quando conheceu Paula, que nunca havia namorado uma mulher, mas que se rendeu ao amor que sentiu por Mariana e estão juntas desde 2009. Com a relação mais sólida era hora de aumentar a família. Decidiram engravidar e escolheram o pai perfeito para o filho que queriam. As características vieram descritas numa planilha de excel, mas foi dali que as sementinhas que geraram os gêmeos vieram: de um perfil de um banco de semêm. Mia e Gael nasceram lindos e saudáveis. Foram amamentados pelas duas mães. Isso mesmo! Paula, que não tinha engravidado, para ajudar Mariana e também para criar intimidade com os filhos, fez tratamento para produção de leite. As duas mães dividem também as tarefas diárias. Paula é quem trabalha mais tempo fora, mas está sempre presente. Na certidão das crianças, ao invés

Segredinhos especiais para facilitar a vida da mulher moderna que também cuida de casa Na cozinha! √ O detergente torna-se mais eficaz para desengordurar se você acrescentar algumas gotas de vinagre no recipiente. Coloque as gotas e misture bem! O vinagre potencializa o poder de limpeza da gordura, além de proporcionar um brilho extra às louças e panelas.

√ Para tirar o cheiro de alho, cebola e água sanitária das mãos, basta esfregar os dedos ou as mãos em uma peça de aço inoxidável sob água corrente. Eu uso uma colher e funciona mesmo!

√ O arroz empapou? Não se desespere! Coloque-o em uma peneira e passe sob água fria, como se fosse macarrão.

Na lavanderia!

√ Ops, foi vestir ou tirar a blusa e manchou de batom? Para tirar as manchas esfregue um pouco de álcool nelas antes de lavar. √ As manchas nas roupas são de caneta esferográfica, esfregue rapidamente com uma mistura de leite com vinagre, repetindo o procedimento por algumas vezes.

√ Marcas de café são eliminadas com gelo! Isso mesmo, assim que o café entornar pegue gelo e esfregue em cima, a mancha vai sumir como num passe de mágica. Daí é só lavar normalmente depois.

√ Mancha de sabão em pó em roupas claras? Antes de lavar novamente a peça, mergulhe-a em um balde com 5 litros de água, meio copo de vinagre e uma colher (sopa) de bicarbonato de sódio.

dos nomes de um pai e de uma mãe, há os nomes das duas mães. E aí? Quem vai negar que esta não é uma linda família ou que esta instituição não é válida?

Pra quem quiser conferir a matéria completa basta acessar o endereço: http://gnt.globo.com/novasfamilias


Jornal buriti 074  

Edição 074 do JORNAL BURITI

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you