Edição 219

Page 1

®

Santa Cruz do Rio Pardo | Ano VIII | Edição 219 | 26 de novembro de 2021 | DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

Juninho cria nova polêmica durante sessão da câmara Pág. 02

Casal cria mentoria de empreendedorismo e marketing digital para profissionais da saúde Ideia do projeto é ajudar os profissionais da saúde a se tornarem referência e autoridade Pág. 02 CULTURA

EDUCAÇÃO

FINANÇAS

SAÚDE

ASTROS

Casamento às cegas pode dar certo na vida real?

Com mercado aquecido, curso agrícola da Etec é bem procurado

Saber onde e como investir pode ser segredo para o sucesso financeiro

Cistite de lua de mel é causada por microtraumas durante relação

Há quem rejeite o pretendente por ter um signo “incompatível”

Pág. 03

Pág. 04

Pág. 04

Pág. 06

Pág. 08

Programação de natal da Special Dog terá curtametragem Pág. 03

Cães que matam gatos têm comportamento normal? Pág. 06


2

27 de novembro de 2021 www.jornalatual.info

CIDADE

Casal cria mentoria de empreendedorismo e marketing digital para profissionais da saúde Thaís Balielo

jornalismo@jornalatual.info

Percebendo que muitos profissionais da saúde têm destinado energia e dinheiro para tentarem se posicionar como referência na área em que atuam, porém muitas vezes não conseguindo os resultados desejados, um casal de empresários criou a BWi Treinamentos. A ideia é ajudar os profissionais da saúde a se tornarem referência e autoridade em seu segmento de atuação. A empresa soma o conhecimento da fisioterapeuta (formada pela UENP) e empresária, Joyce Bianchi, com o de André Bianchi que é líder de empresas no Brasil, de missões de negócios nos EUA e ISRAEL. Joyce explica que muitos profissionais reclamam da falta de tempo para acompanhar todas as inovações, redes sociais e tecnologias que realmente podem funcionar em sua realidade, cidade e região em que atuam para poder converter em agenda cheia. “A mentoria proporcio-

na um olhar diferenciado sobre como o profissional consegue se diferenciar dos milhares de novos profissionais que entram no mercado a cada ano, criando valor em torno do nome, da clínica, e vantagem competitiva diante dos concorrentes, além de estar presente de forma estratégica nas redes sociais”, argumenta. “Mais importante que teoria, é saber utilizar o conhecimento e gerar resultados. Desta forma, aplicamos nossas experiências nos EUA, criamos canais nas redes sociais (Facebook, Instagram e Youtube) que somados

Casal conquistou mais de 30 profissionais da saúde em mais de oito Estados do Brasil.| Foto: Divulgação

geram quase 1 milhão de pessoas alcançadas mensalmente. E claro, seguidores e audiência não pagam boletos, por isso o importante é você compreender como transformar seguidores em compradores dos seus serviços. Devido ao nosso trabalho, lideramos mais de 30 missões de negócios ao Vale do Silício nos Estados Unidos, visitamos internamente empresas como Google, Instagram, Facebook, Youtube, Pinterest e muitas outras que estão transformando a forma como se contrata serviços e essas vivências são fundamentais para podermos trazer uma visão diferenciada para os profissionais que nos procuram”, cita André. Joyce destaca que, em 18 meses, a BWi já conquistou mais de 30 profissionais da saúde como clientes em mais de oito Estados do Brasil. São fisioterapeutas, osteopatas, nutricionistas, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, médicos e dentistas interessados em se diferenciarem no segmento em que atuam. O

treinamento aplica a metodologia VCL (Visibilidade gera credibilidade e resulta em mais lucratividade), ajuda a definir metas e objetivos, o público alvo, a rede social correta para cada público, desenvolvimento da mentalidade empreendedora em profissionais da saúde (Minha Clínica, Minha Empresa), desenvolvimento de Soft Skills na área da Saúde, fazendo benchmarking em várias empresas, clínicas e hospitais no Brasil e Exterior. O treinamento da BWi também apresenta as inovações e tendências. “Trazemos por meio de Websérie Online, convidados de Portugal, Canadá, Estados Unidos e Brasil, de empresas healthtech, inovações na saúde, e também abordamos o tema saúde nas empresas com convidados da Amazon, Microsoft, Nubank, Ambev, Google, e Facebook”, lista. A mentoria vai além de post bonito para as redes sociais, prepara o profissional para as oportunidades que antes ele não estava vislumbrando.

Juninho cria nova polêmica durante sessão da câmara da Redação

jornalismo@jornalatual.info

Como já virou rotina, a sessão da última segunda-feira foi marcada por discussões entre Juninho Souza (Republicanos) e outros parlamentares. A discussão teve início por conta de um notebook que o vereador usou os microfones para avisar que iria devolver para que o dinheiro seja usado para a população. No entanto, o presidente Cristiano Miranda (PSB) revelou que foi disponibilizado um notebook usado para o vereador e ele requereu um novo, para depois devolver alegando gasto desnecessário. Cristiano acusou o colega de fazer sensacionalismo e ainda lembrou outra ocasião que Juninho fez pedido de verba de viagem fora do prazo, fazendo com os funcionários corressem para conseguir o dinheiro a tempo da viagem e posteriormente ele havia divulgado em suas redes sociais a devolução

da verba, pois não precisava usar dinheiro público. “Você está fazendo sensacionalismo. Pede o computador, pede o dinheiro, para depois postar devolvendo”, critica. O presidente ainda alfinetou que o parlamentar não necessitava de computador mesmo, pois o assessor Psiu que faz tudo para ele. “O Psiu é o seu controle remoto. O ex-vereador Psiu já tentou manipular outras pessoas e não conseguiu, mas infelizmente você ele conseguiu”, afirma Juninho protagonizou ainda outra polêmica com o líder do governo Lourival Heitor. Juninho levou um casal de moradores de rua para a casa e queria que eles usassem a tribuna. No entanto, como o regimento interno não permitia, não foi autorizado e Lourival também acusou Juninho de fazer polêmica, já que o casal já havia sido atendido pela assistência social e não havia nada que a Câmara poderia fazer a mais por eles.

COMUNICADOS Beneficiário titular portador do CPF nº 371.418.498-XX, cartão Unimed nº 00941516207000012, favor entrar em contato conosco através do telefone (14) 3302.8400 ou presencialmente na sede da operadora, dentro do prazo de 10 dias, com a finalidade de solucionar a situação de inadimplência do plano de saúde, sob pena de cancelamento do contrato do seu plano de saúde.

Beneficiário titular portador do CPF nº 562.890.878-XX, cartão Unimed nº 00941515293000014, tendo como responsável financeiro o portador do CPF nº 370.363.648-XX, favor entrar em contato conosco através do telefone (14) 3302.8400 ou presencialmente na sede da operadora, dentro do prazo de 10 dias, com a finalidade de solucionar a situação de inadimplência do plano de saúde, sob pena de cancelamento do contrato do seu plano de saúde.

Beneficiário titular portador do CPF nº 592.021.398-XX, cartão Unimed nº 00941517057000010, tendo como responsável financeiro o portador do CPF nº 370.363.648-XX, favor entrar em contato conosco através do telefone (14) 3302.8400 ou presencialmente na sede da operadora, dentro do prazo de 10 dias, com a finalidade de solucionar a situação de inadimplência do plano de saúde, sob pena de cancelamento do contrato do seu plano de saúde.

Expediente Contatos

* A

Atual Comunicação, através do impresso Jornal Atual não empresa

(14) 3372-0679 | (14) 99779-1273 Av. Tiradentes, 360 - 3°andar - sl 31

se responsabiliza pelo conteúdo dos

Email jornalatual@jornalatual.info

cadas, que são de inteira e exclusiva

espaços publicitários e colunas publiresponsabilidade de seus autores.

EDITOR CHEFE Renan Alves MTB: 76.398/SP

JORNALISTA Thaís Balielo MTB 46.761/SP FOTOGRAFIA Pedro Figueira MTB 65.709/SP

DESIGNER Giovanna Mendonça Sônego ASSESSORIA JURÍDICA Carlos Henrique R. Nascimento OAB/SP 328.529

IMPRESSÃO GrafiPress Circulação regional Distribuição Gratuita

/jornalatual


3

27 de novembro de 2021 www.jornalatual.info

CULTURA

Programação especial de natal da Special Dog terá curta-metragem Thaís Balielo

jornalismo@jornalatual.info

Com a necessidade de se reinventar por conta das limitações impostas pela pandemia de Covid-19, a programação de Natal do Centro Cultural Special Dog terá a apresentação de um curta-metragem este ano. O filme será apresentado em quatro dias e sempre acompanhado de atrações como grupos de percussão, Banda Sinfônica, artes circenses e corais. O curta “O bem sempre retorna” é um filme sobre a aventura de três crianças que acabam despertando o espírito natalino de uma pequena cidade (Santa Cruz), ao criar uma ingênua surpresa para alegrar o velho pipoqueiro da escola, sem trabalho por causa da pandemia. Diretora do Centro Cultural, Juliana Manfrin explicou que a tradicional cantata necessita de seis meses de planejamento

e ensaios para acontecer, o que não foi possível por conta da pandemia. Então, surgiu a ideia do curta-metragem. Foi contratada uma equipe especializada com diretor e roteirista para a criação da história e gravações. “Foram utilizados cenários da cidade. Vai mostrar bastante Santa Cruz e é uma histórica pandêmica e contemporânea. Envolveu alunos do Centro e colaboradores da empresa, além de atores contratados”, conta. O ator Leonardo Medeiros, que já atuou em novelas

globais, tem uma participação especial no curta. As gravações ocorreram em outubro e o filme está agora em fase final de edição para seu lançamento que está marcado para o dia 17 de dezembro no Campo ao lado do Santuário Nossa Senhora de Fátima. As reapresentações acontecem na Praça Deputado Leônidas Camarinha nos dias 18 e 19 e ainda outra apresentação no dia 20 na escola Frei José Maria Lorenzetti. Confira o cronograma completo em nosso site.

Gravações ocorreram em outubro utilizando cenários de Santa Cruz. Foto: Divulgação

Casamento às cegas pode dar certo na vida real? Thaís Balielo

jornalismo@jornalatual.info

A série “Casamento às cegas” da plataforma Netflix tem dado o que falar. O programa coloca 32 pessoas para tentar achar seu par ideal em conversas em cabines, sem que se possa ver ou tocar quem está do outro lado. Para se encontrarem, é preciso aceitar um pedido de casamento e, em um mês, decidir se querem ou não dizer "sim". O Atual conversou com a psicóloga Lívia Maria Ortega sobre relacionamentos relâmpagos e sobre as expectativas em relação ao amor. “Me parece emocionante, como uma roleta russa, existe uma chance de dar certo e uma de dar errado, realmente é as escuras. Quando existe a disponibilidade das duas partes de estarem em um relacionamento, isso já é um começo, é muito positivo. Em contrapartida o amor não vem por mérito, por esforço, ele não nasce quando a gente quer. Não conseguimos explicar porque amamos quem amamos, por isso que so-

fremos no amor”, argumenta. Lívia explica que criamos uma fantasia do que queremos no outro e, muitas vezes, esta fantasia em relação ao outro vai se quebrando no dia a dia. “Quando estamos dispostos a superar estas fantasias e viver a realidade, conseguimos dar continuidade. Porém quando a realidade é insuportável demais, abrimos mão do relacionamento e voltamos à fantasia, ao ideal de parceiro e voltamos ao mercado em busca daquela pessoa que idealizamos para o nosso coração”, diz. Na própria série é depois do encontro, durante o que eles chamam de "lua de mel", que os casais convivem e passam a ver que o amor talvez poderia ser paixão, atração – pela voz, conversas e visão de vida – ou uma simples empolgação. Se não existir uma base, um pilar que sustente a rotina, ele pode acabar. Sobre o tempo rápido entre se encontrar e já casar ou morar junto, Lívia pondera que isso é relativo. “Algumas vezes a pessoa está casada há anos e acaba des-

cobrindo algo que se vê casada com um estranho. Ao mesmo tempo há pessoas que se conhecem há pouco tempo, mas que a conexão é tão forte que já se sentem profundamente à vontade um com outro”, diz. Questionada se as pessoas confundem paixão com amor nos relacionamentos relâmpagos, Lívia argumenta que falar sobre paixão e amor pelo viés psicológico é muito complexo. “Não há como julgar, é muito subjetivo. Quando conhecemos alguém e nos apaixonamos, está muito mais relacionado à fantasia que fazemos do outro. Essas fantasias vão permear o relacionamento sempre”, afirma. Ela lembra ainda que as conexões humanas dependem de duas pessoas, portanto não dependem necessariamente do tempo. “Assim como depende de duas pessoas um relacionamento dar certo ou não. As duas partes têm que regar, de forma reciproca e equilibrada a relação. Você não pode receber mais e nem menos do que você dá”, explica.


4

27 de novembro de 2021 www.jornalatual.info

EDUCAÇÃO

Com mercado aquecido, curso agrícola é bem procurado Thaís Balielo

jornalismo@jornalatual.info

A escola Etec Orlando Quagliato está com as inscrições abertas para o Processo Seletivo 2022, entre os cursos oferecidos está o Técnico Agrícola integrado ao Ensino Médio que vem tendo grande procura. Em 2020 a procura pelo curso já foi uma das maiores da história. Professor nos cursos técnico de agropecuária, agronegócio e alimentos, Edvaldo Nicolini acredita que o aumento na procura se dê pelo aquecimento no mercado de trabalho. Estão ofertadas 80 vagas para este curso, Edvaldo relatou que já existem bastantes inscrições efetivadas e este ano o processo seletivo continua sendo pelo histórico escolar. Edvaldo argumentou que o setor agro é muito diversificado e com demanda em todas as áreas. “O curso abrange todas essas áreas e com muita aula prática, assim os formandos conseguem se estabelecer no mercado de trabalho sem dificuldade”, afirma. Como exemplo Edvaldo falou da criação de animais, parte de colheita, além da área tecnológica. “Pode tra-

balhar com informática dentro do setor agrícola, agricultura digital com drones, programas de computador para gerenciamento de propriedade, programas que fazem monitoramento de pragas e doenças nas lavouras, tratores conversando com os depósitos. Além disso, o preconceito de ser um mercado masculino também mudou e muitas mulheres estão conquistando espaço”, diz. Ele lembra ainda que o curso é dinâmico e a grade é sempre atualizada. “Existe grande preocupação com a formação prática dos alunos. Temos na fazenda os grandes setores para a formação da parte prática. Existe bovinocultura, suíno, peixe, culturas como soja, milho, algodão, café, horta, e produção de mudas”, revela. Além das aulas práticas, os alunos ainda trabalham na Cooperativa Escola. Tudo que é produzido na fazenda é administrado e comercializado pela cooperativa. “Desta forma, eles assumem um protagonismo na produção agrícola. Além disso, é esta renda que financia os alojamentos e dá oportunidade dos alunos de longe morarem na escola enquanto estudam”, lembra.

Saber onde e como investir pode ser

segredo para o sucesso financeiro Thaís Balielo

jornalismo@jornalatual.info

Quando sobra um dinheiro no final do mês muitos pensam em guardar na poupança, outros com mais poder aquisitivo investem em imóveis pensando na renda do aluguel ou valorização do imóvel, mas o agente autônomo de investimentos, Henrique Garcez de Lima, garante que as pessoas estão perdendo dinheiro desta forma. Formado em logística e com diversas pós-graduações, entre elas, em economia e mercado de capitais, ele trabalha há 11 anos no mercado financeiro. Assessor de Investimentos da Chicago Investimentos, vinculado ao banco XP Investimentos, Henrique resolveu trazer para Santa Cruz do Rio Pardo as oportunidades que oferece a seus clientes de diversos locais do País e do mundo. Henrique explicou que o banco XP é totalmente online e sem custos de manutenção de contas. “É um banco onde seu dinheiro rende de verdade, pois somos um banco de investimentos, e tudo isso com o suporte de um gerente pessoal e diferencia-

do, as pessoas estão cansadas de pagar taxa para tudo nos bancos tradicionais e não ter o retorno desejado”, afirma. Pela XP o cliente pode investir em Tesouro Direto, CDB, LCI/LCA, Debêntures, Letras de Câmbio, CRI/ CRA, ações, fundos imobiliários, entre outros. “Você abre uma conta e eu, como assessor de investimento pessoal, irei orientar o cliente nas melhores decisões. Vou fazer a análise do perfil do cliente e indicar os melhores investimentos de acordo com sua necessidade. Trabalhamos com risco zero, alguns investimentos como CDB/ LCI/LCA são garantidos pelo FGC (Fundo Garantido de

Crédito) onde ele te garante até R$250 por CPF, estamos atrelados ao CDI”, garante. Henrique explicou que o dinheiro na poupança perde valor para a inflação, pois ela rende 70% do CDI, que é a taxa básica de juros e acompanha a inflação. “O meu objetivo é encontrar investimentos atrelados ao CDI e sem risco para os clientes. Enquanto a poupança rende 4,38% ao ano, o CDI rende 7,65%”, explica. Sobre o costume de investir em imóveis, prática muito comum em Santa Cruz, Henrique explica que os fundos imobiliários são muito mais vantajosos, tanto pelo rendimento maior, liquidez (não

Henrique enfatiza que poupança faz o dinheiro desvalorizar. Foto: Pedro Figueira

precisa vender o imóvel para retirar o valor investido), e por poder investir valores pequenos. O rendimento destes fundos costuma ser de 1% ao mês. “A pessoa pode investir R$ 300 por mês e ficar milionária em 27 anos, ou chegar no primeiro milhão após 15 anos investindo R$1.000 mensais”, exemplifica. Ele ainda argumenta que uma pessoa que investir R$100 mil nestes fundos terá um rendimento mensal de R$1.000. Para conseguir este valor com aluguel, teria que investir em uma casa de quase R$300.000, além de não ter problemas com inquilino e poder retirar o dinheiro quando precisar. Henrique Alega que os investimentos são seguros, mas que para aqueles que almejam retornos maiores, porém com risco, existem investimentos como ações ou fundos de investimentos e fundos de criptomoedas que ele também auxilia. “Não existe valor mínimo para abrir a conta e não existem taxas de manutenção. Gosto sempre de dizer que não é preciso ser rico para investir, mas é preciso investir para ser rico”, finaliza.


5

CRECI/SP CRECI/SP CRECI/SP 22.984-J 22.984-J 22.984-J

27 de novembro de 2021 www.jornalatual.info

CLASSIFICADOS CLASSIFICADOS CLASSIFICADOS (14) (14) 3372-2528 3372-2528 || (14) (14) 3372-1790 3372-1790

(14) 9.9613-5228 | (14) 9.9743-9789 (14) 3372-2528 | (14) 3372-1790 (14) 9.9613-5228 | (14) 9.9743-9789

Rua Bitencourt, | Cx. P. 112 (14)Marechal 9.9613-5228 | (14)435 9.9743-9789 Rua Marechal Bitencourt, 435 | Cx. P. 112 Centro | Santa Cruz do Pardo | SP Rua Marechal Bitencourt, 435Rio Cx. P. 112 Centro | Santa Cruz do Rio| Pardo | SP contato@imobstatus.com.br | www.imobstatus.com.br Centro | Santa Cruz do Rio Pardo | SP contato@imobstatus.com.br | www.imobstatus.com.br contato@imobstatus.com.br | www.imobstatus.com.br

ALUGA-SE - REF. 105 ALUGA-SE - REF. 60 ALUGA-SE - REF. 105

ALUGA-SE - REF. 511 ALUGA-SE - REF. 94 ALUGA-SE - REF. 511

ALUGA-SE - REF. 558 ALUGA-SE - REF. 105 ALUGA-SE - REF. 558

ALUGA-SE - REF. 1079 ALUGA-SE - REF. 213 ALUGA-SE - REF. 1079

ALUGA-SE - REF 1241 ALUGA-SE - REF 465 ALUGA-SE - REF 1241

ALUGA-SE - REF. 1284 ALUGA-SE - REF. 588 ALUGA-SE - REF. 1284

ALUGA-SE - REF. 1336 ALUGA-SE - REF. 1015 ALUGA-SE - REF. 1336

ALUGA-SE REF. 1361 ALUGA-SE REF. 1 ALUGA-SE REF. 1361

ALUGA-SE REF. 1362 ALUGA-SE REF. 1416 ALUGA-SE REF. 1362

ALUGA-SE REF. 1369 ALUGA-SE REF. 1417 ALUGA-SE REF. 1369

ALUGA-SE REF. 1371 ALUGA-SE REF. 1419 ALUGA-SE REF. 1371

ALUG-SE REF. 1373 ALUG-SE REF. 1420 ALUG-SE REF. 1373

VENDE-SE - REF. 790 VENDE-SE - REF. 1391 VENDE-SE - REF. 790

VENDE-SE - REF. 940 VENDE-SE - REF. 1397 VENDE-SE - REF. 940

VENDE-SE - REF. 964 VENDE-SE - REF. 1398 VENDE-SE - REF. 964

VENDE-SE - REF. 1252 VENDE-SE - REF. 1403 VENDE-SE - REF. 1252

VENDE-SE - REF. 1253 VENDE-SE - REF. 1409 VENDE-SE - REF. 1253

VENDE-SE - REF. 1270 VENDE-SE - REF. 1410 VENDE-SE - REF. 1270

VENDE-SE - REF. 1310 VENDE-SE - REF. 1412 VENDE-SE - REF. 1310

VENDE-SE - REF. 1320 VENDE-SE - REF. 1413 VENDE-SE - REF. 1320

VENDE-SE - REF. 1339 VENDE-SE - REF. 1414 VENDE-SE - REF. 1339

VENDE-SE - REF. 1360 VENDE-SE - REF. 1415 VENDE-SE - REF. 1360

VENDE-SE - REF. 1372 VENDE-SE - REF. 1422 VENDE-SE - REF. 1372

VENDE-SE - REF. 1374 VENDE-SE - REF. 1423 VENDE-SE - REF. 1374

QUER QUER VER VER MAIS MAIS IMÓVEIS IMÓVEIS PARA PARA QUER VER MAIS IMÓVEIS PARA ALUGAR APONTE A CÂMERA ALUGAR APONTE A CÂMERA DE DE ALUGAR APONTE A PARA CÂMERA DE SEU SMARTPHONE NOSSO SEU SMARTPHONE PARA NOSSO SEU SMARTPHONE PARA NOSSO QR-CODE QR-CODE E E CONFIRA! CONFIRA! QR-CODE E CONFIRA!

QUER QUER VER VER MAIS MAIS IMÓVEIS IMÓVEIS PARA PARA QUER VER MAIS IMÓVEIS PARA COMPRAR APONTE A CÂMERA COMPRAR APONTE A CÂMERA DE DE COMPRAR APONTEPARA A CÂMERA DE SEU SMARTPHONE NOSSO SEU SMARTPHONE PARA NOSSO SEU SMARTPHONE PARA NOSSO QR-CODE QR-CODE E E CONFIRA! CONFIRA! QR-CODE E CONFIRA!


6

27 de novembro de 2021 www.jornalatual.info

SAÚDE

Cistite de lua de mel é causada

por microtraumas durante relação Thaís Balielo

Cantora Anitta relatou sofrer do problema durante uma entrevista recente

Recentemente a cantora Anitta deu uma declaração no canal do YouTube da apresentadora Sabrina Sato que chamou a atenção. Durante a conversa, a estrela da música pop

revelou que sofre de cistite de lua de mel, uma espécie de inflamação na região da bexiga. O médico ginecologista Gustavo Brasil Zacura explicou sobre esta condição para os leitores do Atual. Durante o bate-papo Anitta declarou que quando tem relações com algum parceiro “mais avantajado” sofre de inf lamação depois. Zacura explicou que a este tipo de inf lamação conhecida como cistite de lua de mel ou pós-coito, tem mais relação com a intensidade da relação sexual e não tanto com o tamanho do pênis. Trata-se de uma in-

jornalismo@jornalatual.info

Gustavo alerta para a importância da higiene e de boa lubrificação para o ato.| Foto: Thaís Balielo

flamação na região da bexiga, ocasionada pela invasão de bactérias intestinais no sistema urinário. Geralmente acontece devido ao movimento de fricção constante entre os órgãos genitais durante o ato sexual que podem causar microtraumas na uretra, facilitando que bactérias da região genital e anal possam levar a uma inflamação ou infecção. O ginecologista explicou ainda que o preservativo pode ajudar a evitar as lesões por conta da lubrificação, mas a infecção pode ocorrer mesmo assim, pois o problema é causado pelas lesões e a bactéria é da própria pessoa, não do

parceiro. “Os cuidados para evitar este problema seria higiene dos órgãos genitais antes e depois do coito e esvaziar a bexiga após a relação. Outro cuidado é usar lubrificante se não tiver boa lubrificação natural, pois diminui o atrito”, ensina. Os principais sintomas são ardência no canal vaginal, ardência uretral, vai toda hora ao banheiro e sai pouco xixi, dor pélvica, mal estar, fraqueza, e febre se for infecção. Os sintomas de infecção ou inflamação são quase os mesmos, Zacura explicou que o exame de urina que irá diagnosticar, para então ser definido o tratamento.

Cães que matam gatos têm comportamento normal? Thaís Balielo

Gatos sofreram ataques de cães e não resistiram

Recentemente a reportagem recebeu notícias de gatos que foram mortos por ataques de cães na rua, nos bairros Paraíso e União. A rivalidade entre cães e gatos é conhecida, mas na maioria das vezes não passa de um latido ou rosnado, além de existirem muitos destes animais convivendo em harmonia na mesma casa. Com isso, surgiu a dúvida se estes ataques seriam um comportamento normal. O veterinário Kaio Sérgio da Venda falou sobre o tema com o Atual. “Já é histórico a perseguição cães e gatos, mas não necessariamente uma condição de que eles nunca podem viver em harmonia. Porém, com o grande aumento dos animais desabrigados, abandonados e, muitas vezes, sem ter como se alimentar nas ruas, temos presenciado com certa proximidade vários acidentes envolvendo cães e gatos”, diz. O profissional explica que os cães, principalmente em ambiente hostil como os abandonados, precisam estar sempre em estado de alerta para

sobreviver na rua, e isso inclui ter que perseguir alguns animais seja para caça ou apenas proteção de seu território. “Não necessariamente esses animais são agressivos ou continuarão atacando qualquer outro animal na rua. Esses acidentes precisam ser estudados para que seja encontrada a melhor forma de prevenir”, afirma. Kaio pondera que cães são caçadores natos, inclusive existem raças específicas caçadoras. Já os gatos são ótimos desbravadores de ambiente. “Quando se cruzam sem qualquer tipo de proteção ocorre a perseguição e, infelizmente, pode acontecer de um dos lados saírem machucados. Importante lembrar que o comportamento dos cães perante aos felinos é totalmente diferente perante aos humanos, então um cão que persegue gato não necessariamente perseguirá uma criança, ou qualquer ser humano”, aponta. A melhor forma de evitarmos esses acidentes, segundo o veterinário, é limitando o acesso dos gatos a rua, sendo que essa prática também previne

jornalismo@jornalatual.info

outros acidentes também fatais como atropelamento. “Gatos com acesso a rua possuem estimativa de vida até três vezes menos que gatos domésticos sem acesso a rua. Além disso, cães que costumam passear na rua sem supervisão de um tutor também estão correndo risco, e, dependendo da falta de adestramento, pode oferecer risco na rua. Portanto todo tutor é responsável pelo acesso ou não do seu pet as ruas, respondendo assim por suas atitudes e ações”, alerta. A diarista Katia Cunha perdeu sua gata Meg de 4 anos por um ataque de cães na última semana. Ela conta que viu a gata

Kátia com sua gata Meg que foi morta por cães | Foto: Arquivo Pessoal

nascer e que sempre foi criada dentro de casa. “Ela dormia comigo na minha cama. Quando eu acordava para arrumar as filhas para a escola, ela acordava e pedia para abrir o portão para fazer suas necessidades no terreno, porque não gostava da caixinha de areia. Ela saia e voltava praticamente no mesmo instante. Naquele dia ela saiu e logo escutei os latidos e os barulhos, tentamos socorrer, mas não deu tempo. Foram três cães e ela ficou inteira quebrada e furada, morreu na hora. É muita tristeza, quando vou dormir e lembro que ela não está já começo a chorar”, lamenta. No bairro União, outra moradora relatou nas redes sociais que seu gato foi atacado na calçada de sua casa por cães e morreu. O filho de 5 anos tinha paixão pelo gato e ficou muito triste com a notícia. O veterinário Kaio argumentou ainda que quanto mais cedo o cão é acostumado no convívio com o gato é melhor para acostumar e evitar o atrito.


7

27 de novembro de 2021 www.jornalatual.info

INFORMATIVO ACE e parceiros promovem série de cursos em dezembro Cibele Martins

Os empreendedores de Santa Cruz do Rio Pardo terão a oportunidade de se aperfeiçoar em diversas áreas. Isso porque a ACE Santa Cruz em parceria com o Sebrae e Senac oferecerão uma série de cursos gratuitos em dezembro. Um deles é de fabricação de bolos e tortas. As aulas serão realizadas de 1º de dezembro a 23 de dezembro das 18h30 às 22h30. Para se inscrever os interessados, devem acessar o link

https://cutt.ly/Bolos_Tortas. Ao longo das aulas, os participantes aprenderão sobre os tipos e características das massas aos cremes, recheios e coberturas, os principais utensílios e as técnicas que poderão ser aplicadas às preparações que incluem as receitas clássicas mais apreciadas. Também são trabalhados princípios da higiene na manipulação de alimentos, padronização de pesos e medidas e melhor aproveitamento dos ingredientes, entre outros aspectos relacionados. Outro curso será o de depilação facial com linha.

As inscrições podem ser feitas através do https:// cutt.ly/Depilacao_Facial até 6 de dezembro. As aulas serão de 13 a 22 de dezembro e 27 e 28 de dezembro das 18h30 às 22h30. O curso capacita o aluno para realizar depilação facial, avaliando a pele a ser depilada e extraindo o pelo com a técnica de depilação com linha por meio das mãos. Mais uma oportunidade de conhecimento será a live ‘Venda mais. Especial de Natal’ que acontece no dia 30 de novembro às 19h30. O evento é gratuito. As ins-

crições para receber o certificado no e-mail são realizadas através do link: https://cutt.ly/ Venda_Mais_NATAL. O Empreenda Rápido MEI: Organize sua Empresa, de novembro, teve as inscrições prorrogadas. A formação é uma trilha de aprendizagem do programa EMPREENDA RÁPIDO e é indicada para você que já é um MEI –Microempreendedor Individual e precisa organizar melhor seu negócio para atingir melhores resultados. A nova data do curso é de 29 de novembro a 2 de dezembro.

11 consumidores são contemplados no sorteio do APP da ACE em novembro Cibele Martins

Foi realizado na segunda-feira (Dia 15), no aplicativo da Associação Comercial e Empresarial de Santa Cruz do Rio Pardo, o sorteio do mês de novembro. Os ganhadores são: Yara dos Santos Fernandes (Supermercado Alvorada- Vale compra de R$ 150,00); Marcus Vinícius Pereira Vicente (Nacional Óticas -óculos

de sol Reverse); Ana Rita de Deus (Arrazuz Moda Íntima- vale compra de R$ 50,00); Cristiane Regina de Melo (Helen enxovais- vale compra de R$ 50,00); Jessica Cristina da Silva (Du Pedrinho Sorvetes- um pote de sorvete dois litros + 10 cascão); Paulo César Conceição de Souza e Fernanda Roseli dos Santos Tavares Vieira (Visual Confecções – vale compras de R$ 100,00)

e Gilberto Serra Pegorer, Nilce Maria Mariano de Oliveira Teixeira, Vera Lucia Balbino Mendes e Deisi Cristina Lemos (Magazine Mil Coresvale compras de R$ 50). Quem ainda não baixou o aplicativo basta acessar a Google Play ou APP Store e pesquisar por ACE Santa Cruz. Aí é só clicar em instalar, aguardar o download e pronto, já é possível se cadastrar para os sor-

teios futuros. O aplicativo da ACE chegou para facilitar a vida dos associados e dos clientes. Todos os serviços da ACE na palma da mão de forma fácil e rápida. No APP da Ace o interessado tem acesso: Consulta Boa Vista SCPC; Posto Sebrae Aqui; Horário do Comércio; Certificado Digital; Mercado de Trabalho; Convênios de Desconto; Clube de Vantagens, entre outros.


8

27 de novembro de 2021 www.jornalatual.info NOTIFICAÇÃO DE ABANDONO DE EMPREGO Agroterenas S/A.-Citrus, convoca o Sr(a)s. abaixo relacionados a comparecer em sua sede no prazo de 03 (três) dias a contar desta publicação, a fim de retomar sua atividade e/ou apresentar justificativas pelas faltas cometidas, sob pena de configurar abandono de emprego, sujeito as penalidades previstas no art. 482, “i” da CLT. ALEXANDRE APARECIDO DOS SANTOS CTPS 77314 / 261 Não comparece desde 20/09/2021 FELIPE PIERRI DE OLIVEIRA MORAIS CTPS 521920578 / 57814 Não comparece desde 14/09/2021 JARDEL RIBEIRO DA SILVA CTPS 896027 / 8300 Não comparece desde 07/10/2021 JOAO AUGUSTO NETTO CTPS 15711 / 416 Não comparece desde 24/09/2021 LEONARDO LEITE DA SILVA CTPS 78485 / 464 Não comparece desde 07/09/2021 LUCAS DA SILVA OLIVEIRA CTPS 8657205 / 30 Não comparece desde 31/08/2021 MACIEL CRUZ SILVA CTPS 9577721 / 40 Não comparece desde 13/09/2021 MIROSMAR FERREIRA DA SILVA CTPS 1653323 / 6474 Não comparece desde 28/09/2021 PAULO SERGIO CAMILO RIBEIRO CTPS 3714301 / 9844 Não comparece desde 23/09/2021 ANTONIO MARTINS FILHO CTPS 5361 / 56 Não comparece desde 09/09/2021

ANTONIO NETO ALVES DE SOUSA CTPS 59886 / 22 Não comparece desde 05/10/2021 APARECIDO DE SIQUEIRA SANTANA CTPS 6882 / 9 Não comparece desde 25/10/2021 ARLAN URSULINO DA MATA CTPS 1920484 / 40 Não comparece desde 02/09/2021 FRANCISCO JOSE RODRIGUES DE BARROS CTPS 842642 / 8380 Não comparece desde 29/09/2021 JOAO PAULO BRITO DE OLIVEIRA CTPS 77346 / 76 Não comparece desde 11/10/2021 JOSE GERLANDSON DAS NEVES CTPS 4050021 / 2 Não comparece desde 06/10/2021 LEANDRO DE SIQUEIRA SANTANA CTPS 12637 / 116 Não comparece desde 25/10/2021 LEONARDO FIGUEIREDO DINZ CTPS 4482 / 35 Não comparece desde 04/09/2021 NATANIEL MARCAL LAURINDO CTPS 5290028 / 50 Não comparece desde 19/10/2021 ROBERTO JESUS SILVA CTPS 9255631 / 50 Não comparece desde 06/09/2021 RONALDO MARTILIANO PEREIRA CTPS 858667 / 6578 Não comparece desde 26/08/2021

Santa Cruz do Rio Pardo/SP 28 de novembro de 2021. AGROTERENAS S/A . - CITRUS

ASTROLOGIA

Há quem rejeite o pretendente por ter um signo “incompatível” Thaís Balielo

jornalismo@jornalatual.info

Muitas pessoas se pautam nos signos para decisões importantes na vida

Em uma pesquisa feita pelo aplicativo de relacionamentos Badoo, na qual foram ouvidos 1.248 usuários em setembro de 2020, 44% dos entrevistados afirmaram que a compatibilidade do signo é um fator importante para definir com quem namorar. Além dos relacionamentos, há pessoas que usam signos para escolher amizades, empregos, ou contratar funcionários, data de viagem, ou tomadas de decisões. Os solteiros, que estão conhecendo pessoas novas, apontam que a pergunta “qual o seu signo” é umas das primeiras na conversa. A astrologia surgiu a partir da análise dos ciclos dos astros e das fases da lua, que foram divididos em 12 unidades, hoje conhecidas como os signos do zodíaco. O psicólogo Fellipe Augusto de Lima apon-

ta que quem tem a astrologia como item fundamental em um relacionamento quer segurança na relação e acredita que o signo pode descrever a personalidade de alguém. Uma jovem santa-cruzense, que preferiu ser chamada de Mary, contou que não resiste em perguntar o signo da pessoa e fazer uma análise de compatibilidade. “O que já observei é a mudança em certos aspectos de acordo com o ascendente. Um signo que a maioria das pessoas acha fofinho é peixes, por exemplo, e há um atrito imenso com o meu, gêmeos. Eles tendem a manipulação, vitimíssimo, traição e inversão. Geminiano não leva jeito pra ‘dar corda’ pra esse tipo de pessoa. Sempre penso que irei perguntar o signo só por curiosidade, sem observar as carac-

Luciana dá aulas de danças voltada para signos.| Foto: Arquivo Pessoal

terísticas de personalidade, pois as pessoas são diferentes, mas quando vejo me pego em observação”, revela. Mary pondera que não é preciso levar ao pé da letra e fugir de alguém do signo X ou Y. “Porém, se as experiências negativas se repetirem, algo pode estar te dizendo que não combina. Às vezes não combina pra um relacionamento amoroso, mas podem ser ótimos amigos. Carl Jung, por exemplo, é o res-

ponsável pela introdução da astrologia na psicanálise. Jung diz que os signos possuem seus arquétipos. O conceito de sincronicidade dele é o que faz com que a gente que curte signo não se ache tão doido”, brinca. A jovem trouxe para o debate outra questão que tem visto acontecer que são pessoas levando em consideração o signo de candidatos a vaga de emprego. “Na mesma medida que todos os signos têm suas falhas,

também têm suas potências. Não dá pra julgar as habilidades de alguém pelo dia do seu nascimento. Evitar um date com um geminiano (meu signo) é uma coisa, achar que alguém regido por esse signo não tem capacidade de assumir uma função no trabalho é mais absurdo que gostar de signo. Vamos gostar de signos, mas sem treta astrológica”, aconselha. Professora de dança e redação, a curitibana Luciana da Rocio Mallon, 47, já viu isso acontecer. “Já trabalhei em loja onde a dona pedia para os candidatos colocarem o signo no currículo e levava isso em consideração na escolha. Ela tinha medo de áries, capricórnio e escorpião”, relata. O signo está presente na vida de Luciana ativamente, ela dá aulas de dança voltada para cada signo. “O psicólogo Jung

já tinha feito uma pesquisa entre arte e signos. Só que naquela época as pessoas deram pouca importância. Sou professora de dança, semiótica e estudo misticismo há anos. Fiz uma pesquisa com bailarinas de várias modalidades e fiz o mapa dos signos que são mais felizes em certas modalidades de danças. Pois, existem signos catalogados em cada elemento diferente: água, terra, ar e fogo. As danças também possuem estas divisões”, explica. Para trabalho ela também gosta de analisar signos, pois compara os tipos de chefes. “Meus melhores chefes foram de peixes, leão e capricórnio. Tive muitos problemas no trabalho com pessoas de libra. Peixes são chefes compreensivos, capricornianos são organizados e leoninos são alto astral”, exemplifica.