Edição 2686

Page 1

Acesse nosso site

48(0 /È 6$%( 2 48( ',= FUNDADOR: MÁRCIO PASSOS - DESDE 1984

Ano 39 - Edição 2686 - R$1,00

27 de Maio a 2 de junho de 2022

TRAGÉDIA EM NOVA ERA

Acidente entre micro-ônibus e carreta deixa mortos e feridos

Reprodução

ACIDENTE com micro-ônibus aconteceu na noite de ontem

Um grave acidente na noite de ontem (26), na MGC-120, entre Itabira e Nova Era, deixou pelo menos três mortos e 13 feridos. Segundo informações do Corpo de Bombeiros de Itabira, por volta das 19h, uma carreta de ração chocou-se contra um micro-ônibus na altura do bairro Capoeirana. No coletivo, da empresa Unimar, estavam 16 pessoas. Até o fechamento desta edição, foram confi rmados os óbitos de dois homens e de uma mulher. Segundo os Bombeiros, três vítimas foram conduzidas pelo

Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) a hospitais da região e duas atendidas no local do acidente.

Oito acidentados, com escoriações leves, foram levados pela empresa Vale e diversos socorristas voluntários

até o Hospital Nossa Senhora das Dores em Itabira. Veja outras matérias de polícia na página 9.

Prefeitura faz licitação para contratar empresa que irá recolher animais na rua Cavalos, bois e outros animais de médio e grande porte deixados pelas ruas de João Monlevade podem estar com os dias

2686.indd 1

contados. A Prefeitura abriu um edital de R$374 mil para contratar empresa para recolhê-los e abrigá-los em local apro-

priado, além de tentar localizar os proprietários. Os que não forem reclamados podem ter novos donos. Pág 5

26/05/2022 21:01:33


2 Opinião

27 de Maio a 2 de junho de 2022

EDITORIAL

Cuidados necessários A notícia de que escolas e entidades afastaram servidores por conta de novos casos de Covid-19 acende um alerta: é preciso continuar os cuidados. Usar máscaras em locais fechados, mesmo com decreto que não obriga isso, redobrar uso de álcool em gel e higiene das mãos, além de tomar doses da vacina, são fundamentais. Outro fator que exige cautela é com o clima frio, característico desta época e que facilita mais incidência de sintomas gripais e de doenças respiratórias. Assim, todo cuidado é pouco. A Prefeitura informa que mantém contínuo monitoramento dos casos, acompanhando diariamente a evolução da doença. Entre o fim de abril e esta semana, passados 30 dias, foram 68

CHARGE

novos casos na cidade, média de dois por dia. Pode até parecer pouca coisa, em vista do que já foi enfrentado. Mas é fundamental entender que a pandemia não acabou. Claro que o cenário não é mais o mesmo do que era há um ou dois anos, principalmente, por conta da vacinação. Além disso, desde o dia 1º de março, não foram registrados casos graves de internações no Hospital Margarida. Por isso, se cada um fizer a sua parte, todos ganham. Mesmo vacinadas, as pessoas devem continuar evitando aglomerações e usar máscaras se tiverem sintomas gripais para proteger os demais. O cuidado individual se torna um bem coletivo. Prevenção é a palavra.

* Charges e textos assinados não retratam necessariamente a opinião do jornal.

Proteção animal e seus entraves (*) KAREN SARTORI

Em meio aos avanços de uma sociedade moderna, juntamente com a evolução humana, animais deixam de ser vistos como objetos e passam a seres sencientes - dotados de natureza biológica e emocional e passíveis de sofrimento. Entretanto, essa mudança cultural não é o bastante para a implantação de políticas públicas relacionadas à causa animal em João Monlevade. Prova disso é que passados cinco meses da Audiência Pública que discutiu melhorias nas condições precárias do Canil Municipal, nada mudou. Mesmo diante da definição taxativa de membros do governo de que o abrigo é um “depósito de animais” perante representante do Ministério Público. São muitas as falácias, quando movidos por outros interesses que não a compaixão e o respeito a vida destes seres e é isso que difere o “SER” voluntário. Agimos munidos de amor e perseverança, resistindo a cobrança, desviada de quem deve de fato ser cobrado para quem deveria apenas apoiar, e a sobrecarga de ações em virtude da omissão de quem deveria representar a população. Prova disso é que a Ong Cãopanhia do Bem se faz presente no Canil, numa espécie de parceria unilateral. Somos nós, o motivo de alegria, aos fins de semana, dos animais abrigados e a esperança de uma vida segura e feliz ou segunda chance. Nós que abrimos nossos lares e buscamos apoio para evitar que, filhotes ou animais debilitados permaneçam no local e que nos empenhamos em campanhas, como está ocorrendo neste momento em razão do frio demasiado. Nós também que levamos a clínicas particulares animais que estão sob tutela do município. E quem nos mantem? A população consciente e afetuosa, que re-

conhecendo nosso trabalho de cunho totalmente voluntário, nos acolhe e nos apoia. Todavia, falar em políticas públicas vai muito além das condições de um abrigo. Nosso município não possui o essencial, que é o serviço de controle populacional (esterilização), levando em consideração o bem estar animal, além da disseminação de viroses entre espécies ou zoonoses, como a leishmaniose e raiva. Sendo assim, a Ong tem lutado incessantemente, angariamos recurso direto do Governo Federal que permitiu beneficiar mais de 300 animais em 2021. No começo de 2022, castramos cerca de 120 animais por meio de bazar e rifas e se nos for concedido o repasse pela prefeitura, conforme a indicação de segunda emenda parlamentar Federal requerida pela nossa entidade, iremos beneficiar outros 400 animais este ano. Mas, para surtir o efeito necessário, é imprescindível que nossos representantes na Câmara lutem igualmente por verbas a fim de elevar esse número e torná-lo contínuo. Da causa animal, fez-se possibilidade de votos, um novo campo, vasto inclusive, a ser explorado. Nada mais justo que ela seja tratada com seriedade e empenho. Para isso nossa atenção se atém ao Código Municipal dos Direitos dos Animais, aprovado em redação final na última semana no plenário da Câmara. Findando, razão da existência do terceiro setor é somar junto ao governo. Mas é preciso que os poderes Executivo e Legislativo nos enxerguem como apoio e não adversários. Enquanto essa percepção não extirpar, permanecerá “tudo como dantes no quartel de Abrantes”.

(*) KAREN SARTORI é jornalista e voluntária defensora da causa animal

(*) HORTÊNCIA CARVALHO

A mulher na política

No último dia 16, o recém reeleito presidente da França, Emmanuel Macron, nomeou uma mulher como primeira-ministra, sendo a segunda vez na história do país, berço dos ideais liberais, que uma mulher ocupa tão importante cargo. Em entrevista, a primeira-ministra afirma que “não é o país que é machista, é a classe política”. O problema da baixa representatividade feminina no poder é global e, no Brasil, ainda mais severo. Por aqui, apenas 12% dos cargos públicos eletivos são ocupados por mulheres, enquanto representamos 52% do eleitorado nacional. De 193 nações avaliadas, o Brasil está em 142º lugar no ranking de número de mulheres no poder, ocupando na América Latina a terceira pior colocação, atrás somente de Belize e Haiti. As razões desses índices são históricas e decorrem de uma sociedade patriarcal, impregnada de preconceitos e da crença na divisão sexual do trabalho, onde os homens sustentam o lar e as mulheres se ocupam com as tarefas domésticas e com a criação dos filhos. Se esta visão estereotipada inviabiliza a autonomia feminina na sociedade, o que dizer na vida política. Sensível a estes dados, a legislação eleitoral brasileira, desde 1997, prevê que as candidaturas devem observar o percentual mínimo de 30% e máximo de 70% para cada gênero. Ou seja, a cada 10 candidatos, no máximo 7 podem ser masculinos e no mínimo 3 femininos. A regra do mínimo de 30% também é aplicável em tempo na propaganda eleitoral gratuita e em recursos públicos para as campanhas eleitorais. Apesar dos esforços legislativos para incentivar a participação feminina na política, os resultados práticos obtidos são mínimos, já que o número de mulheres que hoje ocupam o poder não se difere muito de 30 anos atrás. Na verdade, um grande número de mulheres se candidatam apenas para que o partido possa cumprir a cota

e lançar os candidatos homens de seu interesse. São as candidaturas “laranjas”. A prova disso está nas inúmeras candidatas sem nenhum voto registrado nas urnas. É preciso entender que a falta de representação da mulher nas casas legislativas e também no executivo reflete diretamente na carência de políticas públicas voltadas para o público feminino. E as necessidades são muitas como o combate à violência doméstica, criação de creches e escolas públicas em período integral, extensão da licença maternidade, combate aos assédios dos mais variados tipos, à discrepância salarial, incentivos à promoção a cargos de gerência, ao retorno ao mercado de trabalho após maternidade etc O problema é que as pautas em prol das mulheres só vêm à tona quando das campanhas políticas, na tentativa de arregimentar o voto feminino. É preciso criar mais estímulos para que haja maior engajamento político das mulheres, que levem ao aumento de sua ocupação no poder. Interessante é a Proposta da Emenda Constitucional n. 134/2015, que assegura a cada gênero percentual mínimo de representação nas cadeiras do legislativo, a começar com 10% dos assentos até 16% num período de três legislaturas. Porém, a proposta não tramita desde 2016. Por razões óbvias, não há interesse num atual cenário de 85% de parlamentares homens. O fato é que as mulheres precisam conquistar, além do voto, a voz ativa nos debates políticos. Engajamento e empoderamento são faces da mesma moeda. Autonomia e independência se conquistam com luta por espaço e respeito. É preciso romper com o estigma do “sexo frágil” e superar as desigualdades de gênero, a começar pela política, porque “mais mulheres na política significa mais política para as mulheres”.

(*) HORTÊNCIA CARVALHO é chefe do Cartório Eleitoral em Monlevade - hortenciacarvalho2009@gmail.com

Legado para a memória e história da cidade (*) NIEL FLÁVIO

João Monlevade recebeu as ações presenciais do projeto Moradores (A Humanidade do Patrimônio). Um presente de aniversário promovido pela Fundação ArcelorMittal e realizado pela Nitro - Histórias Visuais. Através da Lei de Incentivo à Cultura do Estado de Minas Gerais, a iniciativa teve apoio da Fundação Casa de Cultura e Prefeitura. Fui o responsável pela produção local deste grande projeto. Algo que me orgulho muito, pois conseguimos entregar importantes registros que ficarão para as próximas gerações. Começou com uma montagem de uma tenda nas principais praças da região central, para receber os moradores e registrar fotos e vídeos com suas histórias. Após autorização, o morador era convidado a se reconhecer como patrimônio cultural, contando a relação de afetividade com a cidade. Fotografias estão expostas e os vídeos se tornaram documentário. No último sábado (21), realizamos o lançamento na Praça do Povo. Uma noite fria, mas que não impediu um bom público de participar. Teve varal de fotografias a exibição do documentário e a emocionante participação da Guarda de Marujo Nossa Senhora do Rosário que realizou um cortejo levando o público até a Praça do Lindinho, onde está instalada a exposição de algumas fotos em grande formato. Em quatro dias, ouvimos belas histórias. Pessoas que nasceram ou não em Monlevade, mas escolheram esta terra para ficar e construir, junto a tantos outros, uma cidade melhor. Ali, nos bastidores, me emocionava com cada um que falava suas memórias. Muitas delas, passavam pelo mesmo caminho que os meus. E isso fez com que eu me visse em cada narrativa. Acho que essa é a sensação de perten-

cimento que outros monlevadenses terão ao assistir o documentário. Tive ainda mais certeza de que Monlevade é diversa e não existe o termo ‘’forasteiro’’, usado de forma pejorativa, para separar nossa população, que foi composta por pessoas de vários locais do Brasil e até de outros países. Pessoas como o seu Eleci, um dos personagens da nossa exposição que, em 1959 chegando a Belo Horizonte, decidiu pegar o trem e descer na primeira estação. Aqui ele desceu, trabalhou na usina e fez morada. Os políticos que tiverem a sensibilidade de assistir e compreender o que a população está falando, vão conseguir ter uma síntese do que crianças, jovens, adultos e idosos esperam das políticas públicas para que a cidade seja ainda melhor. Nos últimos meses, Monlevade vivencia a possibilidade de ter contato com grandes projetos que buscam recontar a nossa história. Seja com o projeto A Colônia Luxemburguesa, os documentários que a Casa de Cultura tem feito sobre nossos patrimônios e este agora. O Projeto Moradores coloca uma lupa no tempo presente para que, hoje, consigamos ter orgulho do que fomos e olhar para o futuro com esperança. Todos esses materiais ficarão no acervo da cidade e na internet. Sonho que, em um futuro muito próximo, tenhamos um espaço aberto ao público para receber visitantes e que disponibilizem os arquivos à população. Nossa cidade tem tantos prédios públicos abandonados ou sem utilidade. Um desses poderia se transformar em nosso museu. Nosso ponto de encontro com a história!

COXIA Partidos

Como ficam os apoios dos vereadores aos candidatos a presidência da República? Vanderlei Miranda (PL), mesmo partido do presidente Jair Bolsonaro, deve apoiar o candidato Ciro Gomes (PDT) no primeiro turno. Já Marquinho Dornelas, que é do mesmo partido de Ciro, nunca escondeu seu lado “bolsonarista” e não apoia o cearense. Por sua vez, Gustavo Prandini é do PTB, legenda que integra a base do presidente, mas já criticou abertamente Bolsonaro e tem inclinação à esquerda... Isso é que são os partidos “partidos”. Coisas da política...

Visita

Falando nisso, o presidente Jair Bolsonaro visitou o Vale do Aço e Belo Horizonte ontem (26). Bem que ele poderia ter ido de carro (ou de moto, como gosta) pela BR-381, para ver de perto os problemas e os dramas enfrentados pelos motoristas da região. Para percorrer o trecho, às vezes, a viagem demora até 8h com a precariedade das pistas sem a duplicação. Quem sabe assim, as obras e as melhorias poderiam sair do papel.

Sem prestígio

Tanto o atual presidente, como o pré-candidato Lula, estiveram em BH e não pararam em João Monlevade ou outra cidade da região. O Médio Piracicaba é muito importante no Estado, mas não tem a representação política em Brasília que deveria ter, sobretudo, para solucionar suas demandas. Uma pena!

Voluntários

Bombeiros Civis de João Monlevade ganharam um caminhão, através de emendas parlamentares dos deputados Tito Torres (PSD) e Pinheirinho (PP), no valor de R$1 milhão. Iniciativa positiva para garantir mais segurança à cidade. Mas quem vai custear o funcionamento dessa instituição? A Prefeitura já fez convênio com os Bombeiros Militares e vai construir a sede da corporação, fora ajuda para manutenção da unidade. Sem falar no reconhecido Sevor, que também depende de doações para se manter. Como fica a situação das entidades voluntárias? Quem pode arcar com sua manutenção? Terá recursos para todas? Como as entidades sem fins de lucro da cidade podem se manter? Elas conseguirão financiamentos? Viverão de doações da comunidade? Oficiais? Perguntas que merecem ser respondidas.

Presidente?

Segundo os bastidores da política local, Tito Torres deve

seguir os passos do pai, Mauri Torres, e almeja chegar à presidência da Assembleia Legislativa, se for reeleito em outubro deste ano. Com forte atuação em diversas regiões do estado e conversa com políticos de várias legendas, o deputado é articulado e sonha em alçar voos maiores na política. Vale lembrar que ele dispõe de bom trânsito tanto com o grupo do governador Romeu Zema (Novo) quanto com os apoiadores de Alexandre Kalil (PSD). Mas primeiro, é preciso vencer em 3 de outubro, as disputadas eleições deste ano.

Covid As baixas temperaturas aumentam os sintomas gripais e alertam para os cuidados com a Covid-19. Apesar do alto número de vacinados, alguns casos têm surgido no município. Inclusive, em instituições de ensino. Escolas afastaram servidores contaminados e pedem que alunos usem máscaras e redobrem a higiene das mãos, com uso de álcool em gel. A proteção individual acaba sendo a proteção de todos.

Aluguéis Em discurso na tribuna do Legislativo, o vereador Tonhão (Cidadania) afirmou que os aluguéis das duas casas que substituem a UBS Carneirinhos somam R$5,6 mil mensais, valor que considerou alto demais, principalmente, em virtude de o antigo prédio da Polícia Civil estar desocupado há anos. Conforme o vereador Fernando Linhares (União Brasil), esse prédio está muito deteriorado. O Executivo precisa decidir o que fará com seus prédios vazios. Não seria o momento de vender se não há recursos para a manutenção deles?

Errata Na semana passada, A Notícia publicou erroneamente que o vereador Revetrie Teixeira (MDB) não sabia se desejava “boa sorte” ou “meus sentimentos” ao funcionário do Canil Municipal. Na verdade, a declaração foi dirigida pelo vereador ao prefeito Laércio Ribeiro (PT). Na mesma matéria, o jornal errou ao noticiar que o servidor estava sem almoço após as 14h. Na verdade, esse fato ocorreu apenas no dia da visita do vereador ao local. Assim que o parlamentar entrou em contato, a redação corrigiu os equívocos no site e pediu desculpas pelo ocorrido, o que fazemos novamente neste espaço.

4XHP Or VDEH R TXH GL] Diretora Geral: Maria Cecília A. Passos Registro profissional: MG07860JP

Editor: Erivelton Braz Assistente: João Vítor Simão Diagramação e Arte: Julieta Bittencourt Impressão: Editora Gráfica Nina - Guilherme Bessa Publicado desde 1984 - Propriedade da empresa A Notícia Regional Ltda. Circulação: João Monlevade e região Av. Rodrigues Alves, nº 78, República, João Monlevade/MG

(*) NIEL FLÁVIO é ator, ativista, produtor e gestor cultural. Gradua Teatro na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) 2686.indd 2

26/05/2022 21:02:44


Geral 3

27 de Maio a 2 de junho de 2022

Gasmig apresenta pré-projeto de gás natural que pode chegar a Monlevade O abastecimento de gás natural em veículos está cada vez mais perto de se tornar realidade em João Monlevade. Nesta semana, um pré-projeto de expansão da rede de Gás Natural Veicular (GNV) da Companhia de Gás de Minas Gerais (Gasmig) foi apresentado ao prefeito Laércio Ribeiro (PT), ao vice-prefeito e secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Fabrício Lopes (Avante), vereadores e deputado. A apresentação, no Distrito Industrial, foi feita pelo coordenador Gasmig, Welder Souza, e pelo engenheiro de vendas da empresa, Marcelo Caetano. A distribuidora possui uma Estação de Redução de Pressão de Gás no distrito. O desejo da Prefeitura é potencializar o uso dessa instalação para abastecer a cidade, além de atrair mais empresas para o local. Os técnicos da Gasmig explicaram que a distribuidora já está com negociação avançada para fornecer gás veicular para

um posto de combustíveis instalado em João Monlevade às margens da BR-381. O pré-projeto prevê a construção de sete quilômetros de rede para atender o empreendimento. O ramal a ser construído, caso a distribuidora e o posto firmem um contrato, poderá ser estendido para a área urbana e atender mais empresas. A reunião teve a participação do deputado estadual Bartô (PL), do vereador Bruno Cabeção (Avante), do gerente executivo da Associação Comercial, Industrial e Prestação de Serviços de João Monlevade (Acimon), Iarlei Quintão Fraga, do presidente da Câmara Municipal, Gustavo Maciel (Podemos), do chefe de Gabinete, Geraldo Giovani, e de empresários que possuem investimentos no distrito e manifestaram interesse em usar a rede de gás.

OPORTUNIDADE O prefeito Laércio Ribeiro

explicou que a administração municipal enxerga o Distrito Industrial como uma oportunidade de alavancar o desenvolvimento da cidade. “Nós demos o pontapé inicial no distrito 20 anos atrás. Ao retornar à Prefeitura, encontramos o local parado e estamos trabalhando para alavancá-lo. Isso passa pela rede da Gasmig e a estação instalada nele”, afirmou. Fabrício Lopes complementou que “um dos motivos dessa reunião é mostrar para os técnicos da Gasmig o potencial da nossa cidade, o potencial do distrito, caso a distribuidora invista em uma expansão da rede. Acreditamos que a partir dessa expansão, outras empresas poderão se interessar, beneficiando João Monlevade com geração de emprego e renda”, ressaltou. O vereador Br uno Cabeção, que tem atuado juntamente com o prefeito e o vice para melhorar o Distrito Industrial, agradeceu

Acom/PMJM

REPRESENTANTES DA GASMIG, do poder público municipal e de empresas durante apresentação no Distrito Industrial nesta semana

ao atual gover no pelo empenho. “O município está investindo um milhão de reais para melhorar a infraestr utura do local. É preciso reconhecer esse esforço”, concluiu o vereador. O deputado estadual Tito

Projeto de cidades irmãs garante parceria internacional para Monlevade Na reunião da Câmara desta semana, os vereadores aprovaram, em segundo turno e redação final, o Projeto de Lei nº 1.266/2022, que reconhece como cidade-irmã do município de João Monlevade a cidade de Esch-Sur-Alzette – Terres Rouges em Luxemburgo. Conforme o autor da proposta, o vereador Belmar Diniz (PT), a matéria autoriza a celebração de acordo internacional, programas de ação, convênios e outras parcerias de cooperação técnica, econômica e cultural entre as cidades. A partir da legislação, o Poder Público Municipal poderá promover, dentro de suas atribuições, as medidas necessárias para assegurar a aproximação entre as cidades-irmãs

de que trata a lei, através da promoção especialmente da cultura, tradições e turismo das cidades-irmãs. João Monlevade recebe o projeto A Colônia Luxemburguesa, que trata da relação histórica entre o município e o Grão Ducado europeu, de onde vieram profissionais para construir a Usina local. Além disso, o município integra o Festival Brasil-Luxemburgo, que estreita as relações entre os países. Também na reunião, os vereadores aprovaram, em primeiro turno, o projeto de lei 1.268/2022, que institui a “Semana dos Direitos e Deveres do Cidadão”. A iniciativa é de Belmar Diniz e fomenta o conhecimento dos cidadãos quanto aos seus direitos e deveres pre-

vistos em leis. A matéria prevê, na semana de comemoração do Dia Nacional da Cidadania, celebrado em 5 de outubro, atividades como palestras com temas variados sobre direitos e deveres do cidadão. Conforme o projeto, entre os assuntos, estão abordagens na área da saúde, educação, direitos trabalhistas, Código de Posturas, Código de Obras, Plano Diretor, Código de Defesa do Consumidor, questões cartoriais, contratos, entre outros. Além disso, a proposta é que sejam apresentados os serviços prestados pelo Poder Público, bem como informações quanto à fiscalização e a quem recorrer caso o cidadão se sinta prejudicado. Aprovado também, o proje-

to de lei 1.262/2022, de iniciativa do Executivo, que autoriza a criação de equipes de Brigada Civil de Emergência, composta por Bombeiro Civil. De acordo com o texto, o objetivo é possibilitar uma maior segurança aos danos ao meio ambiente, primeiros socorros, prevenção e o combate ao princípio de incêndio dentro de uma área pré-estabelecida até a chegada do socorro especializado. Por fim, foi aprovado o anteprojeto nº 14, de autoria do vereador Doró da Saúde, que dispõe sobre a entrega domiciliar gratuita de medicamentos de uso contínuo à pessoa portadora de necessidade especial e/ou idosa no âmbito do município de João Monlevade, e dá outras providências.

Centro Educacional é homenageado pelos 50 anos

João Vitor Simão

PROFESSORES e diretores do Centro Educacional durante entrega de homenagem pelos vereadores na última quarta-feira

O Legislativo monlevadense homenageou, na noite dessa quarta-feira, 25, com Moção de Aplausos, a escola Centro Educacional de João Monlevade pelos 50 anos de fundação, completados em 6 de abril deste ano. A homenagem é de autoria do vereador Leles Pontes (PRB) e teve a aprovação de todos os parlamentares. O colégio, idealizado no mandato do terceiro prefeito eleito do município, Antônio Gonçalves, foi fundado em 1972 e é referência na cidade. Ao longo das cinco décadas, passaram pela escola cerca de 30 mil alunos, distribuídos entre o Ensino Fundamental e Médio, cursos profissionalizantes Secretariado e Ma2686.indd 3

gistério e Educação de Jovens e Adultos. A atual diretora, Carmen Starling Bergamini Grijó, agradeceu a Câmara pela homenagem. Ela contou os desafios desde que assumiu a direção da instituição, que foi no início da pandemia. “Para a gente manter e continuar com a qualidade do ensino com uma visão de futuro, contamos com a dedicação de todos os profissionais, além do apoio que sempre nos é dado pela Secretaria de Educação”, afirmou. A secretária municipal de Educação, Maria do Sagrado, falou da alegria em poder participar da homenagem ao CEJM. “Foram dezenas de gerações que estudaram no Centro Educacional. Muitas pes-

soas que estudaram na escola, se formaram e hoje são profissionais que contribuem para a construção e o desenvolvimento da nossa cidade. Parabenizo a todos os servidores e alunos que passaram e que continuam fazendo a história desta instituição”, disse a secretária. Atualmente, a escola possui 89 funcionários, entre eles professores, equipe pedagógica e administrativa e um total de 780 alunos. Hoje, a equipe gestora é composta pela ex-aluna, professora e diretora Carmen Starling Bergamini Grijó, vice-diretora Tâmara Grasiela Lima Coelho e auxiliar de direção Agnaldo Marcos dos Santos. Em discurso, o autor da pro-

posição, Leles Pontes, destacou que o colégio é um orgulho para a cidade. “O Centro Educacional é motivo de orgulho para todos nós monlevadenses. Uma escola no coração da cidade e que faz parte da história do município”, declarou. O presidente da Casa, Gustavo Maciel (Podemos), destacou que estudou na escola e que possui boas lembranças daquele período. “O Centro Educacional sempre foi referência na qualidade do ensino entre as escolas públicas da nossa cidade. Isto se deve graças aos professores que se empenham e se dedicam a cada dia para oferecer o melhor aos alunos”, disse.

Torres (PSD), que também tem auxiliado o gover no municipal nessa questão,

foi representado na visita pelo seu assessor Marcos José Silva.

Prefeitura inaugura Casa da Cidadania Na tarde da última terça-feira (24), a Prefeitura de João Monlevade inaugurou a Casa da Cidadania, que vai abrigar os conselhos municipais de participação popular. O novo espaço, que possui salas amplas para a realização de reuniões e uma entrada adaptada para pessoas com dificuldade de locomoção, funcionará das 7h às 11h e das 13h às 17h na avenida Getúlio Vargas, 3025, no bairro Belmonte. O prefeito Laércio Ribeiro (PT) destacou que a inaugu-

ração do espaço era um compromisso de governo. “Não é somente criar os conselhos e colocar em funcionamento, mas temos que dar condições de trabalho e um local digno para que possam se reunir”, afirmou. O vice-prefeito e secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Fabrício Lopes (Avante), declarou que “somos um governo de participação popular, que ouve e respeita as pessoas. As decisões aqui tomadas serão o futuro de nossa cidade”.

Gratificações para fiscais de renda geram debates na Câmara A concessão de gratificações aos fiscais de renda efetivos da Prefeitura de João Monlevade rendeu discussões na Câmara Municipal na reunião desta quarta-feira (25). O projeto de lei 1.221/21, proposto pelo Executivo, institui bonificações por produtividade entre 30% e 80% do salário aos servidores da ativa, obedecendo a critérios estabelecidos em decreto, e entrou para votação em primeiro turno. Todos os vereadores presentes foram favoráveis nessa primeira votação, à exceção de Doró da Saúde (PSD), que votou contra, e Tonhão (Cidadania), que se absteve. Alegando que precisavam de mais tempo para sanarem dúvidas sobre a matéria, Doró da Saúde e Tonhão pediram, em momentos distintos, vistas de sete dias. Alegando que o projeto estava na casa desde 20 de outubro do ano passado, obtendo pareceres favoráveis de três comissões legislativas, o presidente da Casa, Gustavo Maciel (Podemos), concedeu apenas dez minutos para Doró e cinco para Tonhão. Durante os debates, Doró alegou sentir-se desconfortável para votar a matéria, pois outras categorias também seriam merecedoras de gratificações por produtividade. Ele disse que buscaria mais informações sobre o projeto para a votação em segundo turno. Os pedetistas Thiago Titó e Marquinho Dornelas ressaltaram que outros funcionários também seriam dignos do benefício. Revetrie Teixeira (MDB) disse que a situação era uma “faca de dois gumes”, pois po-

deria votar por algo que não entendeu bem ou que prejudicaria o servidor. Já Bruno “Cabeção” (Avante) ressaltou que não existe “dinheiro público”, mas dinheiro do pagador de impostos, enquanto Belmar Diniz (PT) lembrou o Plano de Cargos, Carreiras e Salários estabelecido no governo de seu pai, entre 1989 e 1992. Por outro lado, Fernando Linhares (União Brasil) reforçou que o projeto era claro, pois a gratificação seria dada pela produtividade do trabalhador. Para ele, fiscais de trânsito, posturas e obras também são merecedores do benefício. Seu colega de partido Pastor Lieberth e Leles Pontes (Republicanos) disseram que sempre votariam a favor de projetos que beneficiem o trabalhador público. Gustavo Prandini (PTB) defendeu que a iniciativa combate a sonegação de impostos, e foi insistente ao afirmar que as bonificações não contemplariam o crescimento vegetativo, “natural”, da arrecadação, mas apenas o empenho do funcionário. Alguns dos vereadores protocolaram um pedido para que o texto fosse votado em segundo turno e redação final ainda nesta quarta-feira (25). No entanto, a proposta foi derrotada com os votos contrários de Bruno “Cabeção”, Doró da Saúde, Marcos Dornelas, Percival Machado (PDT), Revetrie Teixeira e Thiago Titó. Agora, o texto segue para votação em segundo turno e pode receber emendas dos parlamentares. 26/05/2022 21:02:44


4

27 de Maio a 2 de junho de 2022

Geral

31 DE MAIO

Pare de fumar neste Dia Mundial Sem Tabaco Fumar. O que já foi charme, ligado a imagens de masculinidade e heroísmo nas telonas, sinal de empoderamento e sinônimo de liberdade em publicidades na TV, hoje, o tabagismo é reconhecido como uma doença crônica causada pela dependência à nicotina presente nos produtos à base de tabaco. A Organização Mundial da Saúde aponta que o tabaco mata mais de 8 milhões de pessoas por ano. No Brasil, 161 mil pessoas perdem a vida anualmente (cerca de 440 por dia) por doenças causadas pelo uso do cigarro. Para alertar sobre os seus riscos, a Organização Mundial da Saúde (OMS) instituiu o dia 31 de maio como Dia Mundial sem Tabaco para conscientizar a população sobre os perigos do fumo e defender políticas públicas para a redução do seu consumo. Segundo dados da Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças

2686.indd 4

Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) de 2021, 9,1% dos brasileiros com 18 ou mais fumam, sendo 11,8% entre os homens e 6,7% das mulheres. O número, apesar de alto, mostra uma queda expressiva em relação às últimas décadas. Isso, segundo a OMS, em função das inúmeras ações desenvolvidas pela Política Nacional de Controle do Tabaco. Para se ter ideia, em 1989, 34,8% da população acima de 18 anos era fumante, de acordo com a Pesquisa Nacional sobre Saúde e Nutrição (PNSN). Os dados mais recentes do ano de 2019, apontam o percentual total de adultos fumantes em 12,6% em todo o país.

MALES O cigarro é conhecido pelos malefícios que provoca, como os cânceres de laringe, faringe, boca. Os tumores nos pulmões e brônquios são, por sinal, os

que mais matam em João Monlevade, conforme dados levantados pela Secretaria de Saúde em 2021. Em alusão ao Dia Mundial Sem Tabaco, campanhas são realizadas para conscientizar e alertar sobre os problemas. Por conta disso, a Prefeitura promove na próxima segunda-feira (30) uma palestra aberta ao público com o tema “Tabagismo: uma doença que tem tratamento”. A ministração será feita às 14h pela pneumologista Janaína Maciel Lopes no auditório Leonardo Diniz Dias, na sede do Executivo.

É POSSÍVEL PARAR: “FOCO, FÉ E FORÇA DE VONTADE” A advogada Elivânia Braz, presidente da Associação Mulheres em Ação de João Monlevade (AMA), conta que aban-

donou o tabagismo após 16 anos. Ela lembra que começou a fumar ainda durante a faculdade, experimentando aos poucos. Em pouco tempo, passou a comprar maços, consumindo meio por dia, e não conseguia parar. Ela lembra que sequer dirigia sem fumar. Os cigarros também a acompanhavam nos momentos de lazer e no trabalho. Ao longo de uma década e meia como fumante, ela não sabe precisar quanto gastou com os cigarros, mas considera que foi muito dinheiro. A decisão de largar o fumo veio a partir da preocupação com a saúde. Principalmente, o receio de possíveis complicações, com a mistura de cigarro e anticoncepcionais. Ela conta que foi aos 36 anos que decidiu parar. Hoje, 10 anos após largar o tabaco, Elivânia fala das melhorias na saúde e em sua vida. “Decidi no dia 13 de março de 2012, que aquele cigarro seria o último. Sentei-me, fumei com

prazer e nunca mais coloquei outro cigarro na boca. Foco, fé e força de vontade”, conta. Como se considera focada e convicta, Elivânia diz que não enfrentou grandes dificuldades. Hoje, ela afirma ter ganhado mais disposição e uma respiração melhor, fican-

do menos cansada. Os benefícios, segundo ela, são notados até por terceiros. “Algumas pessoas falaram que até a pele ficou mais bonita”, diz. Como ex-fumante, Elivânia destaca a importância de alertar sobre os malefícios do cigarro, sobretudo, entre os mais jovens.

26/05/2022 21:02:45


27 de Maio a 2 de junho de 2022

Geral

5

Monlevade abre licitação para contratar empresa que vai recolher animais nas ruas PROPOSTA É EVITAR QUE CAVALOS, BOIS E ANIMAIS DE MÉDIO E GRANDE PORTE FIQUEM SOLTOS Não é incomum encontrar animais como cavalos, bois e vacas vagando em ruas de João Monlevade. O problema antigo pode estar com os dias contados. A Prefeitura de João Monlevade abriu edital de licitação e vai contratar empresa para recolher animais de médio e grande porte, abrigar em local apropriado, alimentar e tentar localizar o proprietário. Conforme o edital, a licitação será no dia 14 de junho e o valor total estimado é até R$374.717,34. O vencedor fará o resgate, transporte, permanência, acolhimento, alimentação, cuidados com higiene, cuidado à saúde e segurança dos animais de médio e grande porte no

município. Qualquer animal de grande ou médio porte que esteja solto nas vias ou locais públicos poderá ser recolhido. A medida tem como objetivo prevenir e diminuir o número de acidentes envolvendo animais, além de evitar a proliferação de doenças. “A contratação dos serviços justifica-se para atender às necessidades de resgate de animais de médio e grande porte, soltos nas vias urbanas do município. Neste sentido, em defesa da fauna e do povo, tomamos medidas para evitar acidentes com veículos automotores colidindo em animais nas vias públicas objetivando a segurança dos motoristas e pedestres; evitar danos

causados por estes animais tais como: destruição de praças e jardins, somado a fezes e urina e também ao condicionamento dos lixos urbanos nas lixeiras públicas, para reduzir os riscos de zoonoses transmitidas por estes animais”, justifica a administração no edital. Outra grande reclamação na cidade é que os cavalos e vacas mexem no lixo, causando a poluição na cidade e destroem jardins. Após o início dos serviços, a população será informada de canais de denúncias e informações onde há animais soltos. Os proprietários poderão ter possíveis sanções, como multas e, se necessário, a administração fará doação dos animais apre-

Casal pede agilidade à Prefeitura para reconstrução de muro

Arquivo JAN

EMPRESA será escolhida para recolher animais em Monlevade

endidos. Um projeto de Lei regulamentando a questão deverá ser enviado para a Câmara nos próximos dias. Na reunião desta quarta-feira (25) do Legislativo, o líder do governo, Belmar Diniz (PT),

comentou que a concorrência é inédita no município, e que os animais capturados poderão ser doados após certo prazo a entidades interessadas de qualquer ponto do Brasil. Para ele, “quem não quer cuidar desses animais,

que não os tenha”. Fernando Linhares (União Brasil) relembrou que, na noite do último domingo (22), um carro e um ônibus urbano bateram em cavalos que passavam pela MGC-120, em Itabira.

Após surtos de Covid, escolas afastam servidores SUSPENSÃO DE AULAS ESTÁ DESCARTADA E RECOMENDAÇÃO É USO DE MÁSCARAS E INTENSIFICAÇÃO DE ÁLCOOL EM GEL

Divulgação

MORADORES pedem que muro seja construído após problemas com rede pluvial

Um casal, morador de uma residência no bairro Cruzeiro Celeste, em João Monlevade, reclama da demora na construção de um muro por parte da administração municipal. Residentes na rua Magalhães Pinto, 358, Airton Ângelo Carvalho e Fabiane Costa se queixam de uma rede pluvial que passa por debaixo de seu lote e que, com as chuvas, derrubou parte do muro que circundava o terreno. Agora, segundo eles, a residência está exposta,

tirando a privacidade e ameaçando a segurança. Eles também temem mais problemas com as infiltrações e mais danos ao patrimônio que lutaram para construir. O casal informa que a Prefeitura até iniciou as obras de reconstrução da estrutura, mas elas ficaram em apenas parte da área, deixando outra inacabada. “O problema é que começaram e não terminaram. Queremos uma solução para esse problema e ter mais

tranquilidade em nosso lar”, disse Fabiane ao A Notícia. Questionada, a Prefeitura afirmou estar ciente da demanda. Inclusive, que o secretário de Obras, Eduardo Bastos, sempre conversa com o casal a respeito do problema. Em nota, a administração explicou que “o processo licitatório segue em andamento para a contratação de empresa responsável pela obra”.

Escolas e instituições de João Monlevade afastam servidores após confirmação dos casos de Covid-19. A Notícia apurou, nesta semana, que 12 servidores da Escola Municipal Cônego José Higino de Freitas estão temporariamente afastados por conta da doença. Além do Cônego Higino, o Cemei Irmã Dulce também confirmou dois casos. De acordo com o diretor da Escola Cônego Higino, Fabrício Brandão, as aulas estão mantidas. Segundo ele, os funcionários licenciados recuperam-se bem, sem necessidade de hospitalização. O tempo de afastamento varia de acordo com a determinação que cada médico deu ao seu paciente. Fabrício reafirma que a insti-

tuição mantém contato com a Secretaria Municipal de Educação e a Vigilância em Saúde (Visa) para definir as medidas a serem tomadas, de forma a conter a disseminação e prosseguir com os trabalhos normais da escola. Na terça-feira (24), A Notícia informou em primeira mão que a Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) teve parte de suas atividades interrompidas, pois 11 funcionários da instituição também foram diagnosticados com coronavírus e não puderam ser substituídos. Os serviços da escola e da assistência social foram interrompidos, enquanto a saúde, como os atendimentos clínicos, e o administrativo mantêm-se abertos. A expecta-

tiva é de que toda a Apae volte a funcionar a pleno na próxima segunda-feira (30).

ORIENTAÇÕES As áreas da Educação e Saúde fazem um trabalho conjunto visando o controle da transmissão da Covid-19 na comunidade escolar. A orientação é que os protocolos sanitários sejam seguidos, com a recomendação do uso de máscaras, higienização das mãos e uso de álcool em gel. A suspensão de aulas ou fechamento de escolas não são cogitados por enquanto. A Prefeitura afirma que a maioria das pessoas na cidade estão vacinadas e que a vacinação de primeira até a quarta dose continua.

Região da Ponte Funda e rua Barão de Cocais recebem asfalto

Amepi realiza reunião itinerante em São Domingos do Prata Para aproximar ainda mais os prefeitos e estreitar a relação com os municípios, a Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Rio Piracicaba (Amepi) promove hoje, sexta-feira, dia 27, em São Domingos do Prata, a primeira reunião itinerante de 2022. O objetivo é discutir, junto aos prefeitos, vices e prefeita, os desafios das administrações municipais. O prefeito anfitrião, Fernando Rolla, é o presidente da Amepi e inicia uma sequência de encontros dos chefes do Executivo nas cidades da região. “Será uma importante reunião em que a Amepi e o Consmepi apresentam as ações e, ao mesmo tempo, em que se fortalece a relação dos prefeitos, que podem conhecer de perto a realidade de cada uma das nossas cidades. Há prefeitos que nunca foram em algumas cidades e esse momento é oportuno para fazer mais 2686.indd 5

Prefeito do Prata e presidente da Amepi, Fernando Rolla

Acom/PMJM

Divulgação

integrações. A Amepi ainda propõe debates dos gestores municipais sobre demandas da região”, enfatiza o presidente

da Amepi. O encontro será às 9h30, na sede da Associação Comercial de São Domingos do Prata.

NO NOVA Esperança, a rua Barão de Cocais, principal do bairro, é beneficiada com nova pavimentação

Ruas da localidade da Ponte Funda e do Nova Esperança, em João Monlevade, recebem nova pavimentação. Na tarde da última segunda-feira (23), o prefeito, Laércio Ribeiro (PT), e o vice, Fabrício Lopes (Avante), visitaram as obras de asfaltamento na comunidade de Ponte Funda e de recapeamento asfáltico na rua Barão de Cocais, que também já começou a receber a nova iluminação com lâmpadas de led.

Segundo Laércio, as obras de infraestrutura visam melhorar a qualidade de vida dos moradores e são uma das prioridades do governo. "Os asfaltamentos, recapeamentos asfálticos e nova iluminação de led são melhorias estruturais extremamente necessárias para o bem-estar e a segurança das pessoas. Estamos empenhados em entregá-las de forma rápida, segura e com qualidade para a população",

afi rmou o prefeito. Por sua vez, Fabrício Lopes apontou para a qualidade das obras e a agilidade dos serviços. "Estamos satisfeitos com a qualidade e presteza dos serviços. Estamos acompanhando de perto os trabalhos com o objetivo maior, que é realizar ações que melhorem a vida das pessoas. Vários outros locais ainda receberão as melhorias", completou. 26/05/2022 21:02:51


6 Região

27 de Maio a 2 de junho de 2022

São Gonçalo do Rio Abaixo é finalista no Prêmio Municípios Mineradores CIDADE É INDICADA EM SEIS, DAS OITO CATEGORIAS DA PREMIAÇÃO CONCEDIDA PELO MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA A cidade de São Gonçalo do Rio Abaixo foi indicada em seis, das oito categorias finalistas do Prêmio Municípios Mineradores idealizado pelo Ministério das Minas e Energia. Os premiados serão conhecidos em solenidade na Associação Mineira dos Municípios (AMM), no dia 7 de junho, em Brasília. O município é indicado nas categorias Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico,

Saúde, Educação, Proteção Social e Infraestrutura, sendo os quatro últimos a única cidade mineira concorrente entre as 200 avaliadas. As outras categorias são Gestão e Finanças. Nesta edição, serão 24 iniciativas indicadas em todo o território brasileiro e oito premiadas, em que será reconhecida a qualidade da governança pública. Segundo o Instituto Brasileiro de Mineração

e a Agenda Pública, o Prêmio tem como objetivo incentivar e difundir práticas efetivas de gestão pública que evidenciam a qualidade e boa performance dos serviços públicos, que atendam diretamente às necessidades da população e transformam a realidade local. Conforme a Prefeitura, o prêmio não se dá por inscrição e sim por classificação a partir de análise de dados destinado

Prefeitura adquire área para montar Fazenda Agroecológica

a municípios com mineração que tenham os maiores índices de arrecadação de CFEM (Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais) e que possuam boa performance e qualidade na prestação de serviços públicos. A seleção foi feita a partir da análise de indicadores transversais, capazes de medir a efetividade da gestão pública municipal. Erivelton Braz

PREFEITO Nozinho espera que a cidade seja reconhecida na premiação

Servidores públicos recebem capacitação

Divulgação

VISTA aérea do terreno onde será a Fazenda Agroecológica

A Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo adquiriu a área para criação de uma Fazenda Agroecológica. O terreno está localizado em frente à rua Henriqueta Rubim, próximo ao almoxarifado da Secretaria de Educação e possui sete hectares. A Agrofloresta é também conhecida como Agricultura de Base Ecológica ou Agricultura Sintrópica, que propõe a aplicação de princípios ecológicos à produção agropecuária, a partir da incorporação de técnicas alternativas ao modelo convencional e à diversificação de sistemas de produção, per-

mitindo a redução ou subtração do uso de defensivos agrícolas. Além disso, uma das principais forças desse tipo de agricultura é a valorização da participação dos produtores rurais locais, que permite a união entre os saberes populares e os científicos, sendo fundamental para o alcance de uma agricultura sustentável. Para o prefeito Raimundo Nonato de Barcelos, a implementação dessa área será um modelo para o desenvolvimento de atividades agropecuárias sustentáveis, considerando conceitos de agroecologia e agricultura orgânica. Questões

que norteiam sua gestão de desenvolvimento sustentável. O projeto será coordenado e gerido pelo doutor e professor, Bráulio Magalhães (Igtech), em parceria com o Laboratório de Geotecnologias da UFMG (GeotecLab). Segundo ele, a atividade produtiva sustentável de commodities agrícolas e hortifrutis produzidos de maneira orgânica tem alto valor agregado e demanda crescente no mercado nacional e internacional. A iniciativa justifica-se pela possibilidade de ser mais um elemento de diversificação econômica para o município.

Mais de 2 mil alunos recebem kits escolares

Acom/PMSGRA

CONSULTOR Márcio Passos fala aos servidores da Prefeitura de São Gonçalo

A Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo, visando melhorar o atendimento ao cidadão, oferece treinamentos para servidores da administração municipal. Nesta emana, o consultor em comunicação e marketing político, Márcio Passos, deu continuidade à capacitação dos funcionários da administração. O profissional, com mais de cinquenta anos em experiência na área de comunicação, liderança e asses-

soria política, abordou temas como relações de trabalho, com foco nas diferenças, emoções, respeito mútuo e habilidades ligadas ao cotidiano do serviço público. A partir da próxima semana, no dia 1 de junho, a Secretaria de Educação vai capacitar cerca de 100 monitoras que atuam nas escolas e no transporte escolar do município, em parceria com o Senai. Com o curso, a Prefeitura busca a ex-

celência no atendimento e relações com os alunos da rede municipal de ensino, além de uma educação de qualidade e mais empática. As participantes serão divididas em quatro turmas e terão 40 horas de treinamento. Uma turma receberá a capacitação em junho e as outras três no mês de julho. As aulas serão realizadas no Senai do município.

Pato Fu é atração do festival gastronômico de São Domingos do Prata

Divulgação

PATO FU toca sucessos no Festival Sabores do Prata

Acom/PMSGRA

ESTUDANTES receberam o material fornecido pela administração municipal

Mais de 2 mil alunos da rede municipal de educação de São Gonçalo do Rio Abaixo recebem, a partir desta semana, kits escolares. O material é composto por mochila, cadernos, agenda do aluno, lápis de cor e giz de cera, de acordo com o ano de escolaridade. De acordo com a Secretaria de Educação, no dia a dia das 2686.indd 6

escolas, já são disponibilizados outros materiais escolares, como lápis, apontador, borracha, entre outros que podem ser solicitados pelos estudantes. O prefeito Raimundo Nonato de Barcelos (Nozinho) participou da entrega aos alunos da Escola de Tempo Integral Ioleide Aparecida Pessoa Araújo. Ele ressaltou o cuidado que o

município tem com a educação e o reflexo disso no futuro das crianças. Segundo Nozinho, os kits escolares são mais um incentivo para o aprendizado dessas crianças. No próximo mês, a Secretaria de Educação fará a entrega de kits de uniformes a todos os alunos, contendo 12 peças.

A banda Pato Fu, revelação mineira do pop e rock da década de 1990, é a principal atração do 10º Festival Gastronômico “Sabores do Prata” em São Domingos do Prata. O evento será no dia 18 de junho e é promovido pela Prefeitura, através da Secretaria de Turismo e tem produção da HC Consultoria. A festa é gratuita, das 12h à meia noite, no Cento de Lazer e Eventos e tem o objetivo de fomentar o turismo, valorizar o empreendedorismo da

cidade e promover a cultura. Além do Pato Fu, haverá shows de artistas locais, como Dan Nunes, Letícia e Renan, Três Lados Iguais e Geovane e Cia. Na programação, estão sorteio de prêmios, apresentações culturais, espaço para crianças, além de barracas de bares e restaurantes em área coberta.

FESTIVAL EM BELA VISTA Já nos dias 9 e 10 de julho, Bela Vista de Minas também

realiza o seu 6º Festival Gastronômico, promovido pela Associação Comercial de Bela Vista de Minas (Aciabel), com apoio da Prefeitura e da Câmara Municipal. A realização contará, no sábado (9), com shows dos grupos Samba Club, Três Lados Iguais e a dupla Johnny e Dênis. Já no domingo (10), sobem ao palco Garcia do Piseiro, Banda Urbana 2 e Amanda Garcias. A entrada é franca e será em frente à Prefeitura. 26/05/2022 21:02:52


Informe 7

27 de Maio a 2 de junho de 2022

Colégio Kennedy celebra 30ª Semana da Família MUITOS TRABALHOS E GRANDE PÚBLICO MARCAM EVENTO QUE CONTOU COM MOSTRA CIENTÍFICA, PALESTRAS E APRESENTAÇÕES CIRCENSES O Colégio Kennedy realizou, entre os dias 14 e 21 de maio, a 30ª edição da tradicional Semana da Família. Na abertura, a diretora Glória de Fátima Bicalho Albuquerque ressaltou a importância desse evento, em que Família e Escola firmam os seus compromissos em busca dos caminhos da educação transformadora. “Educar para transformar vidas. Esse é o grande objetivo da Escola e da família Kennedyana”, ressal-

tou Glória. O evento prosseguiu com várias palestras escolhidas pelas turmas, em que se apresentaram pais de alunos, trazendo assuntos importantes para a formação integral dos educandos. Entre os palestrantes estavam a médica Nelma Consolação Linhares Possa, a psicóloga Márcia Cristina Alves, o tenente-coronel da Polícia Militar, Agnaldo de Souza Shuab, e o psicólogo educacional Eliseu Antônio de As-

sis, que falaram de realização de sonhos profissionais, saúde mental e violência. Houve também palestras dos empresários José Roberto Fernandes e Lucas Henrique Santos, sobre empreendedorismo, e Cláudio Geraldo Paiva, sobre Projeto de Vida. Jogos africanos, gincanas e brincadeiras foram outras atrações da 30ª Semana da Família que contou ainda com visita da Comissão “OAB na Escola” para um

bate-papo com os alunos de 1º ao 5º ano do Fundamental I sobre Conscientização Antibullying. Estiveram presentes as advogadas Aline Vieira, Clarissa Gomes e Elivânia Braz que falaram sobre a Lei Antibullying, em uma conversa educativa e de muita informação. O objetivo foi mostrar aos alunos o mal que é causado às pessoas que são vítimas do Bullying e que respeito é a palavra da ordem.

MOSTRA CIENTÍFICA E ENCONTRO Ainda como parte da 30ª Semana da Família, foi realizada a Mostra Científica do 2º ano do Ensino Fundamental ao 2º ano do Ensino Médio. Trabalhos interessantes e que demonstraram dedicação e empenho da equipe de professores, coordenadores e alunos, com grande participação dos pais durante as exposições.

Na manhã do último sábado (21), o “Encontro Espetacular da Família” fechou a programação da Semana da Família com apresentações circenses dos alunos da Educação Infantil e do 1º a 6º ano do Ensino Fundamental, em coreografias do professor Lucas Santos. O evento ocorreu no Ginásio do Colégio Kennedy, com grande participação das famílias.

A SEGUIR, CONFIRA ALGUNS REGISTROS DAS DIVERSAS ATIVIDADES REALIZADAS NA 30ª SEMANA DA FAMÍLIA.

2686.indd 7

26/05/2022 21:02:54


8

27 de Maio a 2 de junho de 2022

Geral/Classificados

Advogado preso em 2019 é absolvido pela Justiça CRIMINALISTA VIRA A PÁGINA E SEGUE COM A CARREIRA

Divulgação

RODRIGO Albuquerque e família superam momento difícil

AVISO DE LICITAÇÃO

O advogado criminalista Rodrigo Albuquerque Araújo foi absolvido após responder processo que o levou à prisão numa operação do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) em 2019. Julgado na Comarca de João Monlevade, a Justiça reconheceu não haver prova da existência do fato, nem que houve a participação dele. Em abril daquele ano, a operação do MPMG, que investigava crimes de corrupção, culminou com a prisão do advogado e de alguns policiais civis. Porém, conforme sentença de absolvição em novembro do ano passado, os envolvidos foram inocentados, nos termos do art.386, IV do Código de Processo Penal. Após mais de dois anos do ocorrido, Rodrigo Albuquerque procurou o jornal A Notícia (que noticiou o episódio à época da prisão), para contar o que viveu e esclarecer a sua inocência no caso. Com 20 anos de atuação na área criminal, ele possui carreira consolidada na região e quer virar a página para seguir trabalhando. À época dos fatos, o MPMG informou que foram instaurados procedimentos investigatórios criminais para apurar práticas de corrupção na cidade, envolvendo processos criminais. Um dos procedimentos envolveu o advogado Rodrigo Albuquerque de Araújo, sendo expedidos à época, mandados de busca e apreensão e prisão dos envolvidos. Acostumado a estar do outro lado, Rodrigo conta que foi réu, acusado de intermediar o pagamento a um policial ci-

PREGÃO PRESENCIAL Nº 05/2022

1 Aluguel

IMÓVEIS APTO na av. Getúlio Vargas, em cima do Magazine Luiza, c/3 qtos (1 c/suíte), dependência. Bom p/ comércio. Tr. 98771-2900 _________________ APTO na rua Barra Mansa, bairro Vale do Sol, c/2 qtos, sala, cozinha, banheiro social, área de serviço. Tr. 38513596 PJ857 _________________ APTO na rua Evangelista, bairro Alvorada, c/3 qtos (sendo 1 suíte c/sacada), sala de visitas p/2 ambientes, banheiro social, cozinha c/ armários, área de serviço e garagem p/2 carros. Tr. 38513596 PJ857 _________________ APTO na rua Guanabara, 253, apt.106, bairro República. C/2 qtos, sala, cozinha, 2686.indd 8

PREGÃO PRESENCIAL/SRP Nº 06/2022 A Câmara Municipal de João Monlevade torna público que fará realizar licitação, na modalidade Pregão Presencial/SRP nº 06/2022, do tipo Menor Preço, critério de julgamento Menor Preço Por Item, nos termos da Lei Federal nº 10.520/02 e do Decreto Municipal nº 15/2017, com aplicação subsidiária da Lei Federal nº 8.666 de 1993 e suas alterações posteriores. Objeto: REGISTRO DE PREÇOS visando a aquisição de chocolate em pó solúvel, copo descartável para água e papel toalha interfolhada, conforme especificações contidas no Anexo I – Termo de Referência, para atender às necessidades da Câmara Municipal de João Monlevade. Data de abertura: 09/06/2022, às 9 horas, na Sede da Câmara Municipal de João Monlevade. Edital disponível no site da Câmara (http://www.joaomonlevade.mg.leg.br), Link Transparência - Licitações e Contratos - Processos Licitatórios 2022, ou no Setor de Licitações para cópia magnética mediante o fornecimento de algum dispositivo de mídia (pen drive ou cd). Outras informações pelo telefone: (31) 3852-3906 ou através do e-mail: licitacao@joaomonlevade.mg.leg. br. Câmara Municipal de João Monlevade, 26 de maio de 2022. Mary Caetano Silva Santos - Chefe de Compras, Licitações e Contratos.

sacada, lavabo, banheiro social, cozinha c/armários e bancada americana, área de serviço, 2 vagas de garagem. Tr. 3852-6630 PJ3715 _________________ APTO no bairro Nossa Senhora da Conceição, c/3 qtos, banheiro, sala, cozinha, área de serviço. Tr. 38526630 PJ3715 _________________ APTO no bairro Recanto Paraiso, c/2 qtos, sala, cozinha, banheiro, 1 vaga de garagem, elevador, primeira moradia, excelente preço. Tr. 3852-6630 PJ3715 _________________ APTO no bairro Santa Bárbara, c/3 qtos (sendo 1 suíte), sala p/2 ambientes, banheiro social, cozinha, área de serviço, 1 vagas de garagem. Tr. 3852-6630 PJ3715 _________________ APTO no bairro Vale do Sol, c/3 qtos, sala, cozinha, área de serviço, banheiro social e garagem. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ APTO (aluga-se ou vende-se) de 2 qtos, sala, cozinha, banheiro, área de serviço, garagem. Tr. Carlos 98681-8835 _________________ BARRACÃO na rua Richard, nº 40, fundo com av. Getúlio Vargas 4.375, c/100m² livre, s/divisória, 2 banheiros. Tr. 98771-2900

_________________ CASA na rua Sebastião Simão de Almeida, bairro Sion, 1° pav. c/garagem, 2 banheiros, cozinha, canil e quintal. 2° pav. c/3 qtos, banheiro social, sala, área de serviço, área externa. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ CASA no bairro Novo Horizonte, c/3 qtos (sendo 1 suíte c/armário), sala de visita, sala de jantar, cozinha c/armários planejados, varanda ampla c/vista permanente, despensa c/gás canalizado, garagem p/2 carros, andar térreo c/lavanderia, cômodo multiuso, área gourmet, lavabo, horta. Tr. 3852-6630 PJ3715 _________________ CASA no bairro Rosário, c/3 qtos, 2 banheiros sociais, copa, área de serviço, despensa, quintal, garagem. Tr. 3852-6630 PJ3715 _________________ COBERTURA no bairro República, c/3 qtos (sendo 1 suíte c/sacada, todos c/armários), sala p/2 ambientes, banheiro social, cozinha c/ armários, área de serviço, DCE, 2 vagas de garagem, cobertura c/sala e banheiro. Tr. 3852-6630 PJ3715 _________________ GALPÃO na av. Cândido Dias, 966, Loanda, c/100m², acabamento em gesso, piso de granito. Tr. 98856-4740 _________________

LOJA na av. Cândido Dias, bairro Loanda, c/aprox. 100m², 2 banheiros, cozinha. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ LOJA no bairro Santa Bárbara, c/aprox. 60m², banheiro. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ QUITINETE na av. Getúlio Vargas, c/1 qto, sala, cozinha e banheiro social. Tr. 38515121 PJ3637 _________________ QUITINETE na av. Getúlio Vargas, bairro Carneirinhos, c/1 qto, cozinha, banheiro social, área de serviço de uso comum. Tr. 38513596PJ857 _________________ QUITINETE na rua Guanabara, 209. Tr. 997814345/99602-6759 _________________ QUITINETES (novas) na av. Getúlio Vargas, nº 4.375, bairro Carneirinhos. Tr. 98771-2900 _________________ RESTAURANTE montado, onde funcionava o Buteco da Vila, em frente à Funcec. Tr. 98771-2900 _________________ SALA na av. Wilson Alvarenga, c/banheiro e área de 35m². Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ SALA na av. Wilson Alvarenga, no edifício São Gonçalo. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________

pela exposição de sua família. Naquela época, fotos foram amplamente divulgadas pelas redes sociais, inclusive, a do advogado com a esposa. Após o ocorrido, ele desabafa e espera seguir em frente com o seu trabalho. “Espero que o tempo me reconforte. Nada vai mudar tudo o que passei nestes quase três anos, mas com resiliência, perseverança e, principalmente, profissionalismo trilhei o caminho que sempre almejei. Agradeço a todos os clientes que mesmo no período turbulento que vivi, continuaram me dando credibilidade e permaneceram comigo. Aos colegas de profissão, que de alguma forma tentaram prejudicar minha imagem, fica o meu perdão. Aos amigos e familiares fica a gratidão. Sigo em frente, convicto da minha índole e reputação que conquistei com meu trabalho e com a certeza de que o maior patrimônio de um homem é seu nome”, afirma.

Faz saber que pretendem se casar: REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL ESTADO DE MINAS GERAIS Registro Civil das Pessoas Naturais Oficial Titular: Rosa Maria Bedetti Frade Tavares Rua Brasília, n. 91, Lucília 35930-010 - João Monlevade - MG 020676 - ALEX JÚNIO AMORIM, solteiro, maior, Ajudante de Pedreiro, natural de João Monlevade-MG , filho(a) de JOÃO BATISTA AMORIM e MARLENE DE FREITAS AMORIM; e CRISLAINE JESUS FONSECA, solteira, maior, Açougueira, natural de João Monlevade-MG, filho(a) de ALDAIR EVANDRO FONSECA e ELIANE JESUS DOS REIS FONSECA; 020677 - RENAN MARTINS SOUSA, solteiro, maior, Supervisor de Planejamento, natural de Ipatinga-MG, filho(a) de WANDERLEY PINHO DE SOUSA e EDVÂNIA MARTINS MOURA SOUSA; e LARDILAINE CRISTINA SILVA, divorciada, maior, Vendedora, natural de João Monlevade-MG, filho(a) de LARTE BRAGA DA SILVA e MARIA MADALENA SILVA; 020678 - JOSÉ MÁRCIO DA SILVA, divorciado, maior, Sindicalista, natural de Nova Era-MG, filho(a) de JOSÉ FERNANDES DA SILVA e MARIA SEBASTIANA DA SILVA; e CIBELE CRISTINA VIEGAS LIMA, divorciada, maior, Cuidadora de Idosos, natural de Santa Bárbara-MG, filho(a) de JACY RODRIGUES LIMA e VERA MARTA VIEGAS LIMA; 020679 - EMERSON DE SOUZA FERREIRA, viúvo, maior, Motorista, natural de Volta Redonda-RJ, filho(a) de JOSÉ MIGUEL FERREIRA e TEREZINHA DE SOUZA FERREIRA; e IVONETE CORDEIRO, divorciada, maior, Cabeleireira/Manicure, natural de Rio Casca-MG, filho(a) de PEDRO PAULINO CORDEIRO e ZILDA LAZARINI; 020680 - MARCUS VINÍCIUS BRAGA SARTORI, solteiro, maior, Autônomo, natural de João Monlevade-MG, filho(a) de FABIO ROQUE SARTORI ESTEVAM e LUCINÉIA LUCAS BRAGA; e ANA CAROLINA GOMES MARQUES, solteira, maior, Farmacêutica, natural de João Monlevade-MG, filho(a) de ADELSON VICENTE CONSOLAÇÃO MARQUES e CELY FERREIRA GOMES MARQUES; 020681 - RONAN CARLOS SANTOS DE CASTRO, solteiro, maior, Empresário, natural de João Monlevade-MG, filho(a) de RAIMUNDO EDUARDO DE CASTRO e MARIA DE LOURDES SANTOS DE CASTRO; e CRISTINA SATHLER DE ASSIS, solteira, maior, Empresária, natural de João Monlevade-MG, filho(a) de ROMILDO OLIVEIRA DE ASSIS e MARZÍ SATHLER OLIVEIRA DE ASSIS; 020682 - GILMAR GONÇALVES GUIMARÃES, solteiro, maior, Caldeireiro, natural de Ibirité-MG, filho(a) de GERALDO VIEIRA GUIMARÃES e MARIA DAS GRAÇAS GONÇALVES GUIMARÃES; e ARYANNA ROBERTO DE LIMA, solteira, maior, Auxiliar Administrativo, natural de João Monlevade-MG, filho(a) de GERALDO PINTO DE LIMA e MARIA APARECIDA ROBERTO DE LIMA; 020683 - THIAGO DE MOURA ALVARENGA, solteiro, maior, Empresário Individual, natural de João Monlevade-MG, filho(a) de LUIZ CARLOS ALVARENGA PINTO e GEUSA CÁSSIA DE MOURA ALVARENGA; e AMANDA GABRIELE NUNES ASSIS, solteira, maior, Auxiliar Administrativo, natural de João Monlevade-MG, filho(a) de e ELIANE NUNES ASSIS BATISTA; 020684 - GABRIEL NASCIMENTO OLIVERIA, solteiro, maior, Engenheiro Agrônomo, natural de Sete Lagoas-MG, filho(a) de ROBERTO DA CUNHA OLIVEIRA e ROSANEA NASCIMENTO PEREIRA DA CUNHA; e MARINA FELICIANO BRAGA BRUZZE, solteira, maior, Auditora Contábil, natural de Itabira-MG, filho(a) de ANTONIO CARLOS BRAGA BRUZZE e MARIA APARECIDA FELICIANO BRUZZE;

AVISO DE LICITAÇÃO

A Câmara Municipal de João Monlevade torna público que fará realizar licitação, na modalidade Pregão Presencial nº 05/2022, do tipo Menor Preço, critério de julgamento Menor Preço Global, nos termos da Lei Federal nº 10.520/02 e do Decreto Municipal nº 15/2017, com aplicação subsidiária da Lei Federal nº 8.666 de 1993 e suas alterações posteriores. Objeto: Contratação de empresa especializada na prestação de serviços técnicos de manutenção preventiva e corretiva nos sistemas e equipamentos de informática, bem como, serviços de manutenção nos sistemas de telecomunicações incluindo: manutenção no PABX, nos ramais e na rede de telefonia e controle das ligações, para atender às necessidades da Câmara Municipal de João Monlevade. Data de abertura: 08/06/2022, às 9 horas, na Sede da Câmara Municipal de João Monlevade. Edital disponível no site da Câmara (http://www.joaomonlevade.mg.leg.br), Link Transparência - Licitações e Contratos - Processos Licitatórios 2022, ou no Setor de Licitações para cópia magnética mediante o fornecimento de algum dispositivo de mídia (pen drive ou cd). Outras informações pelo telefone: (31) 3852-3906 ou através do e-mail: licitacao@joaomonlevade.mg.leg.br. Câmara Municipal de João Monlevade, 26 de maio de 2022. Mar y Caetano Silva Santos - Chefe de Compras, Licitações e Contratos.

banheiro e área de serviço. Tr. 3852-2048 _________________ APTO no bairro Alvorada, c/3 qtos (suíte), sala p/2 ambientes, banheiro social, cozinha, área de serviço e garagem. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ APTO no bairro Alvorada, c/3 qtos (sendo 1 suíte, 2 qtos c/semi-suíte), sala de estar conj. c/sala de jantar, banheiro social, cozinha, área de serviço, 2 vagas livres de garagem. Localização privilegiada, próximo ao centro comercial, c/2 elevadores e amplo salão de festas, aquecedor solar no chuveiro. Tr. 3852-6630 PJ3715 _________________ APTO no bairro Alvorada, c/3 qtos (sendo 1 suíte, todos c/ armários planejados), sala p/2 ambientes, banheiro social, cozinha planejada, área de serviço, 2 vagas de garagem. Prédio c/elevador, salão de festas, ótima localização. Tr. 3852-6630 PJ3715 _________________ APTO no bairro Carneirinhos, c/2 qtos (sendo 1 suíte), sala, cozinha estilo americana, sem garagem. Tr. 38526630 PJ3715 _________________ APTO no bairro Lourdes, c/3 qtos (sendo 1 suíte e os outros dois semi-suíte), sala de visita p/2 ambientes c/

vil, para depor favoravelmente a um de seus clientes. Como noticiado, os policiais foram mandados na casa do advogado, sendo recolhidos celulares e quantia em dinheiro. Rodrigo Albuquerque conta que não houve resistência e que facilitou o trabalho fornecendo informações solicitadas pelos policiais, inclusive, cedendo a senha de seu aparelho celular para averiguações. “Fiz isso porque não tinha nada a esconder”, afirma. O advogado relembra que só ficou sabendo da prisão ao chegar na delegacia. “Eu tinha celebrado o aniversário dos meus dois filhos (que apesar das idades diferentes, fazem aniversário próximo) no domingo dia 14 e fomos acordados às 6h de segunda-feira com a chegada da polícia. Meus filhos se encontravam dormindo e minha esposa ficou assustada com aquela situação. Foi um momento terrível para minha família depois de um dia de comemoração tão especial pelo aniversário dos meus filhos”, conta. Ao A Noticia, Rodrigo Albuquerque informou que foi conduzido ao presídio onde ficou por uma noite em cela separada dos demais detentos, por ser prerrogativa de sua profissão. Ele contou ainda, que sua soltura ocorreu um dia após a prisão, sendo liberado pelo Juízo, à época, de ofício. Ou seja, não foi feito pedido por advogado para que ele fosse solto. “O próprio juiz o fez. Nunca tinha visto acontecer em toda a minha vida profissional”, afirma. O advogado conta que durante um período de quase

quatro meses teve sua liberdade parcialmente restrita, com medidas cautelares. Até que, segundo ele, a conclusão da Justiça, após o trâmite legal, foi de que não houve crime e nem esse restou configurado. Segundo Rodrigo, em novembro de 2021, após decisão judicial transitada em julgado, o Juízo Criminal da Comarca o absolveu. Conforme o advogado, na sentença, o magistrado mencionou “estar provado que o réu não concorreu para a infração penal”. Isso significa que não houve a participação dele no crime investigado. O advogado também conta que o dinheiro apreendido foi restituído, após comprovar a licitude dos valores, que também foram declarados em seu imposto de renda. Para Rodrigo, a sentença só confirmou o que ele já sabia: sua inocência. No entanto, ele relembra ter vivido momentos difíceis, com críticas e julgamentos na cidade, sobretudo

020685 - TARLEI APARECIDO GOMES GARCIA, solteiro, maior, Contador, natural de Uberlândia-MG, filho(a) de ALDAIR APARECIDO GARCIA e VANILSA VITAL GOMES GARCIA; e ESTELINA LUCAS FERREIRA, solteira, maior, Assistente de Vendas, natural de João Monlevade-MG, filho(a) de MOACIR APARECIDO FERREIRA e JANAÍNA MARIA LUCAS FERREIRA;

Os contraentes apresentaram os documentos exigidos pelo art.1525 do Código Civil Brasileiro. Se alguém souber de algum impedimento, que os impeçam de se casar, que o faça na forma da Lei:

João Monlevade, 26/05/2022 ROSA MARIA BEDETTI FRADE TAVARES Oficial do Registro Civil Cartosoft - Automação de Cartórios do Registro Civil

www.cartosoft.com.br

SALA na rua Geraldo Miranda, bairro N. Sra. Conceição, c/aprox. 30m² c/sacada, 1 banheiro, 1 vaga. Tr. 3851-3596 PJ857

2 IMÓVEIS Compra e Venda

APTO na rua Guanabara, nº 209, bairro República, c/2 qtos, 2 banheiros, área de tanque e garagem. Tr. 997814345 _________________ APTO no bairro Campos Elíseos, c/2 qtos, sala, banheiro social, cozinha conj. c/área de serviço, 1 vaga de garagem. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ APTO no bairro Vale do Sol, c/3 qtos, sala, cozinha, área de serviço, banheiro social e garagem. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________

CASA na av. Isaac Cassimiro Gomes, nº 1667, c/2 qtos, sala, copa, banheiro, cobertura, 2 garagens. Tr. Neusa 3850-8405 _________________ CASA no bairro Chácara Velha, R$79 mil. Aceita-se troca por lote nas imediações de São Gonçalo do Rio Abaixo. Tr. 97510-2426 _________________ CASA no bairro Ernestina Graciana, c/casa c/4 qtos (sendo 1 suíte), sala de visitas, sala de TV, banheiro social, cozinha planejada, área de serviço, terreiro, jardim, circuito interno de TV, lâmpadas c/ acendimento inteligente, garagem p/4 carros. Tr. 3851-3596 PJ 857 _________________ CASA no bairro Paineiras, c/ área de 307m² e lote 388m², sendo frente de 14m e fundos área verde c/42m². Tr. 38515121 PJ3637 _________________ CASA no bairro Paineiras, c/6 qtos (sendo 1 suíte), sala de visitas, sala de jantar, 2 banheiros sociais c/box e armários, cozinha ampla planejada, área de serviço, quintal, jardim, garagem c/3 vagas. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ CASA/GALPÃO no bairro Nossa Senhora da Conceição, área construída c/aprox. 327m², 2 lotes c/área total de 600m². Tr. 3851-5121 PJ3637

_________________ CHÁCARA em Bom Jesus do Amparo, c/2000m², c/um imóvel de 10 cômodos. R$165 mil. Tr. 99626-6721 _________________ CHÁCARA em São José, c/ aprox. 1.200 m² c/3 qtos, 2 banheiros, sala, cozinha, varanda, caixa d'agua de 1000 litros p/casa e de 1000 litros p/área de churrasco. Tr. 38513596 PJ857 _________________ LOTE no bairro Loanda, c/360m² c/12m de frente; 12m de fundos; 30m de lateral esquerda e 30m de lateral direita. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ LOTE no bairro Sion, c/360m² e muro na frente. Tr. 38513596 PJ857 __________________ LOTES no bairro Sion, c/ área de 360m². Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ SALA COMERCIAL c/aprox. 30m², c/recepção, escritório e banheiro. Tr. 3851-3596 PJ857

26/05/2022 21:03:18


Polícia/Esporte 9

27 de Maio a 2 de junho de 2022

Novo delegado fala sobre prioridades e inovações da Polícia Civil em Monlevade O delegado regional de Polícia Civil de João Monlevade, Bernardo de Barros Machado, concedeu na tarde da última segunda-feira (23) uma entrevista ao A Notícia. Ele voltou a João Monlevade após seis anos, e fala sobre suas pretensões como chefe da 4ª Delegacia Regional, os desafios da segurança pública e a melhoria do atendimento ao cidadão. Como está o trabalho da polícia no município? Na semana passada, obtivemos êxito em apreender um indivíduo por tentativa de latrocínio em São Domingos do Prata, ocasião em que ele ateou fogo na residência da vítima, e os policiais civis o prenderam em flagrante com vários objetos pertencentes à vítima. Também apreendemos um indivíduo foragido da Justiça em Nova Era por ter cometido um crime de homicídio na região de Pirapora. Aos poucos, nós vamos retomando as operações policiais e o desenvolvimento das investigações de polícia judiciária. Quais são seus planos ao reassumir a 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil? O primeiro passo é conseguir mecanismos para que a população obtenha a sensação de estar segura. Não é uma tarefa fácil, porque a cidade não é pequena. Mas a notícia boa é que há um concurso em andamento. Eu acredito que serão preenchidas essas vagas e nós

teremos como prioridade esse melhoramento nos recursos humanos da Polícia Civil. Existe algum tipo de crime que deixa o senhor e a Polícia Civil mais preocupados? Não só a mim, mas a todos os órgãos de segurança pública, são os crimes hediondos, aqueles delitos mais graves, como estupro, homicídio qualificado, ou os equiparados a hediondos, como o racismo, que é um crime gravíssimo. E os crimes violentos em geral, como os crimes de roubo. O crime de roubo atualmente praticado com arma de fogo é considerado hediondo com a modificação legislativa de dois anos atrás. E nós daremos prioridade a essas investigações para colocar esses indivíduos neutralizados no presídio. A reincidência ainda é um problema preocupante? O senhor e as polícias costumam prender várias vezes a mesma pessoa? É muito comum. A gente até comenta que são sempre os mesmos. E não é culpa do Judiciário, nem do Ministério Público, nem da polícia. A nossa legislação penal traz diversos benefícios que, no meu ponto de vista, deveriam ser suprimidos, tais como a liberdade condicional para um indivíduo que é recorrente na prática de crimes. Mesmo assim ele obtém progressão de regime, e mesmo assim ele obtém liberdade condicional, e vai para a rua e volta a delinquir.

É comum que a delegacia receba menores apreendidos, ou que já são reincidentes, com longa ficha criminal? É muito comum, mas a legislação traz regras totalmente diferentes para atos praticados por menores e crimes praticados por maiores de idade. Penso que temos de conseguir vagas de internação para esses menores que praticam atos infracionais graves ou gravíssimos. E o caminho é esse: efetivamente, apreender esses menores que praticam crimes graves. Mas ao lado disso, existe essa possibilidade de eles serem apreendidos e ficarem apreendidos por, no máximo, três anos, quando praticam atos infracionais graves. A 4ª Delegacia Regional abrange dez municípios, contando com João Monlevade. Eles são seguros? Na minha opinião, sim. Minas é um dos estados mais seguros do Brasil, porque aqui as facções criminosas são prontamente desmanteladas, tanto pela Polícia Civil quanto pela Polícia Militar. A gente não vê organizações criminosas de vulto aqui em Minas, tal como existem no Rio de Janeiro e em São Paulo. Como o senhor pretende cooperar com as outras forças de segurança? Eu tenho visitado todos esses órgãos de segurança pública e todos os órgãos do sistema

de Justiça Criminal, e tenho observado que o trabalho em conjunto, principalmente, a troca de informações, fortalece toda essa engrenagem e quem ganha é toda a sociedade. Aqui em João Monlevade, o cidadão enfrenta muitas dificuldades para obter a Carteira de Identidade. Há algum plano para melhorar o serviço? Sim. Eu estou muito atento a esta questão. Iniciamos uma tratativa de se fazer um grande mutirão. Só que logo em seguida já veio o modelo novo dessas identidades e o treinamento para que elas sejam expedidas. Por esse motivo é que nós não demos ainda início ao mutirão com o modelo velho. Já recebemos todos os equipamentos. Eu acredito que esses equipamentos irão confeccionar essas identidades com muito mais rapidez e efetividade. Como a Polícia Civil trabalha para se manter mais próxima da comunidade? Eu sempre digo que o primeiro ponto é tratar bem todos aqueles que chegam à Delegacia para resolver algo. Eles não podem chegar na Delegacia com um problema e ir embora com dois. Então eu peço para que tenham essa paciência, que a partir de então, eu oriento os meus servidores a tratarem muito bem a população, porque nós somos servidores públicos, e eu particularmente não admi-

Homem rouba, mata idoso e foge para motel Um homem de 30 anos foi preso pela polícia em um motel, como principal suspeito de roubar e matar um idoso, de 69 anos, no bairro Cruzeiro Celeste em Monlevade. O crime ocorreu no último sábado (21), na Alameda dos Dinamarqueses. A Polícia não deu detalhes de

como o senhor foi assassinado. Conforme a Polícia, os militares foram chamados e compareceram ao local, iniciando as buscas em seguida. Pouco tempo depois, o suspeito foi encontrado dentro de um motel, no bairro Santo Hipólito.

Ele tinha lesões nas mãos e nas pernas, e marcas de sangue nas roupas e nos sapatos. Os policiais encontraram R$72,00 e um par de tênis. A suspeita é que ele tenha tomado o dinheiro da vítima para comprar drogas.

Julieta Bittencourt

DELEGADO Bernardo está de volta ao comando da Polícia Civil

to nenhuma forma de mau tratamento nas unidades policiais para com as pessoas que vão lá procurar os nossos serviços. Como está a proposta do novo prédio para o IML? Fizemos algumas reuniões também sobre esse ponto e avançou muito, porque nós estamos dependendo apenas de uma atualização da planilha de custos com uma verba que veio direcionada. Creio que em pouco espaço de tempo essa reforma já se inicie. O Instituto Médico Legal tem a atribuição de realizar exames em pessoas que já faleceram e em pessoas vivas com alguma lesão. Nós temos um corpo de médicos legistas da Polícia Civil em João Monlevade. E para que haja maior dignidade

dessas pessoas que utilizam o IML, também é importante que haja um ambiente salubre. Tenho muita fé em Deus que isso aconteça ainda neste ano. Mais alguma consideração? Peço que a comunidade, se porventura precisar da Polícia Civil, que vá à nossa Delegacia de Polícia Civil, que registrem o boletim de ocorrência, que denunciem crimes. Se não quiser denunciar presencialmente, pode se utilizar do disque-denúncia 181, que o sigilo é absoluto. A gente trabalha com informações, então a gente precisa também das informações dos populares. Muito obrigado! Confira a entrevista disponível na íntegra no canal no YouTube do A Notícia.

Em poucos meses, jovem de 15 anos é apreendido duas vezes com drogas

Filhotes são abandonados e um deles foi atropelado na porta da Prefeitura HOMEM É CONDUZIDO À DELEGACIA E DIZ QUE ATROPELOU “SEM QUERER” Funcionários da Prefeitura de João Monlevade ficaram revoltados na manhã desta quarta-feira (25). Eles encontraram dois filhotes de cachorro abandonados no entorno da sede do Executivo, no bairro Nossa Se-

nhora da Conceição. Um deles tinha marcas de atropelamento, e precisou ser levado a uma clínica veterinária. Os servidores abriram as imagens das câmeras de segurança, que flagraram o momento do abandono e do

atropelamento, ações cometidas por uma mesma pessoa. A Polícia foi chamada, registrou a ocorrência, identificou o responsável e o levou à Delegacia. Ao ver as imagens, o homem disse que não teve a

intenção de atropelar o animal. O abandono de animais é crime. O caso também foi relatado na Câmara Municipal pelo vereador Fernando Linhares (União Brasil), que pediu punição para quem cometeu os maus-tratos.

ESPORTE Atletas de Monlevade conquistam medalhas em torneio de jiu-jitsu

Divulgação

KEVIN MARÇAL Carvalho, de 10 anos, foi um dos vencedores

Atletas de João Monlevade conquistaram medalhas no campeonato 1º Vale do Aço 360º Open de Jiu-Jitsu, realizado no último domingo (22) em Timóteo (MG). Os competidores, das academias ClandestinoBJJ e Gracie Barra, foram destaques em várias categorias e modalidades. Com seis competidores, a 2686.indd 9

equipe da ClandestinoBJJ, liderada pelo professor e atleta John Maycon dos Santos, regressou com quatro medalhas de ouro, uma de prata e uma de bronze. Na competição, João Vítor Matozo, faixa azul, de 16 anos, obteve uma medalha de bronze e Fernando Soares, Master 1 Faixa Marrom de 31 anos, ganhou a medalha de prata. Já os ouros

foram para Lucca Delfino, atleta mirim de 7 anos com faixa branca; Kevin Marçal, faixa branca de 11 anos; Bráulio Elias, Master 2 de faixa azul; e o próprio John Maycon, faixa preta adulto de 21 anos. Já os atletas da Gracie Barra, Júnior Bezerra, Rafael Guedes e Bruno Silva, conquistaram o lugar mais alto do pódio, enquanto os atletas Ícaro Júnior, Sérgio Souza e Erick Miguel ficaram com a medalha de prata. O atleta Alairton Júnior conquistou o quarto lugar, após uma acirrada disputa. O pai do jovem Kevin Mar-

çal, Raylander Carvalho, não escondeu sua felicidade com a conquista do filho: “Para mim, como pai, é uma felicidade imensa saber que meu filho tem compartilhado o mesmo gosto pelas artes marciais. Desde cedo procurei incentivá-lo ao esporte, independe da modalidade, pois acredito que atividades não são importantes apenas para a saúde, mas para desenvolvimento da vida social dele. A esperança é que, se ainda continuar sendo a vontade dele, que seja mais um representante desportivo de João Monlevade, juntamente com seu amigo Lucca”, afirma.

Divulgação/PMMG

MACONHA pertencia a adolescente que já fora apreendido por tráfico

Um adolescente de 15 anos voltou a ser apreendido por tráfico de drogas em Nova Era. Por volta das 10h15 de terça-feira (24), policiais militares verificaram uma denúncia de que o menor, apreendido há poucos meses com grande quantidade de tóxicos, teria voltado a vendê-los no bairro das Graças. Ele teria escondido os entorpecentes em um lote vago na rua

Dom Silvério. Uma varredura no local encontrou 22 buchas de maconha escondidas dentro de uma sacola plástica. Em seguida, os militares foram à casa do adolescente suspeito, onde encontraram mais uma bucha da droga no quarto do menor, onde ele estava dormindo. Ele foi apreendido e levado à Delegacia de Polícia Civil.

26/05/2022 21:03:18


10 Geral

27 de Maio a 2 de junho de 2022

Prefeitura quer iluminar meia Monlevade com LED até dezembro João Monlevade deve chegar às 5 mil lâmpadas de Led até o fim de 2022. A declaração é da Prefeitura, que informou que já foram substituídas 2.230 luminárias. A meta, conforme a engenheira eletricista Thaís Machado Leite, representa metade do parque de iluminação do município. Nos últimos dias, conforme a administração, foram substituídas as antigas lâmpadas a vapor de sódio nos bairros Vale da Serra, Laranjeiras, Nova Esperança e Pedreira. A substituição das lâmpadas é paga pela Contribuição para o Custeio do Serviço de

Iluminação Pública (Cosip) dos consumidores de energia. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) estabeleceu em 2010 uma resolução normativa de que distribuidoras, como a Cemig, deveriam transferir a gestão dos ativos da iluminação (luminárias, lâmpadas, relés e reatores) para os municípios. Segundo a Prefeitura, a nova iluminação já foi instalada no Campos Elíseos, Paineiras, Novo Aclimação, Vera Cruz, Boa Vista, ABM, Estrela D´Alva, Monte Sagrado, 1º de Maio, Santa Cecília, Corumbiara de Vanessa, Nova Mon-

levade, Planalto, São João, São Benedito, Santa Cruz, Jacuí e Industrial, e as avenidas Castelo Branco e Gentil Bicalho. Parte da Getúlio Vargas (no Baú) também foi requalificada, assim como as praças Pio XII, em Carneirinhos, da Paz e do Senai, no bairro Vila Tanque, e nos bairros Teresópolis, Santa Bárbara, Lourdes, Planalto, além do estacionamento do Velório Municipal, no José de Alencar, e o entorno do parque do Areão.

MAIS SEGURANÇA O comandante da 17ª Com-

Acom/PMJM

BAIRRO LARANJEIRAS é um dos que já recebeu a nova iluminação

panhia Independente da Polícia Militar, tenente-coronel Ag-

De Pacas a Aparecida do Norte de bicicleta GRUPO DE AMIGOS DE MONLEVADE VAI PEDALAR 10 DIAS ATÉ CHEGAR NA CIDADE DA PADROEIRA DO BRASIL Mais de 700 de quilômetros percorridos de bicicleta, durante 10 dias, saindo de Santa Rita de Pacas, distrito de São Gonçalo do Rio Abaixo, rumo ao Santuário Nacional de Aparecida, em Aparecida, interior de São Paulo. Este é desafio que dez amigos de João Monlevade vão começar na manhã deste sábado, 28 de maio, a partir das 7h30 da manhã. O início da peregrinação ocorre durante a tradicional Festa de Santa Rita de Cássia, realizada pela comunidade de Pacas no período de 26 a 29 de maio deste ano. Acostumados a praticar esportes em turma, seja de bicicleta, nas quadras ou de moto, os amigos tiveram a ideia de pedalar até Aparecida do Norte ainda em meados de 2020, quando estavam impedidos de se encontrarem devido a pandemia da Covid-19. O médico Flávio Bicalho, um dos participantes, conta que ele e dois sobrinhos combinaram de fazer o passeio caso o time do coração deles, o Atlético Mineiro, fosse campeão brasileiro. O título só veio no ano seguinte, em 2021,

naldo de Souza Schuab, afirma que a troca da iluminação proporciona maior claridade dos espaços públicos, facilitando o serviço da Polícia Militar. “Um dos pilares da segurança pública são ambientes mais claros e maior visibilidade nas ruas. A iluminação de LED evita que pessoas mal-intencionadas es-

tejam nas ruas procurando por veículos, ou por casas onde possam ser praticados furtos. A Prefeitura de João Monlevade está de parabéns por esse trabalho e esperamos que todos os bairros da cidade sejam contemplados com a iluminação em LED”, destacou o comandante.

Blitz encerra Maio Amarelo em Monlevade Reprodução

MONLEVANDESES vão percorrer 700 km pedalando

e, neste ano, eles retomaram os encontros e iniciaram os treinos para conseguirem cumprir os 700 quilômetros pedalando, chamando outros amigos para também participar do desafio. A turma, que está animada para o início da aventura, vai percorrer o Caminho Religioso da Estrada Real, passando por diversas cidades mineiras, como Catas Altas, Ouro Preto, Ouro Branco, São Brás do Suaçuí, Lagoa Dourada, São

João Del Rei, Carrancas, Baependi e Itamonte, até chegar nos últimos 100 quilômetros em direção Santuário Nacional de Aparecida, em São Paulo. Dois carros vão acompanhar os ciclistas, dando suporte durante o percurso. Além de Flávio

Bicalho, farão o passeio o filho dele, Flávio Bicalho Filho, e os sobrinhos Frederico, Raphael e Felipe Bicalho, além dos amigos Wildes Domingues, Tales Alvarenga Fagundes e o filho José Vilasboas Fagundes, Thiago Costa e Bráulio Caldeira.

Como conclusão ao Maio Amarelo, mês dedicado à defesa da segurança no trânsito, será promovida uma blitz educativa com entrega de brindes, na próxima segunda-feira (30) em Monlevade. Das 8h às 11 horas, equipes estarão na avenida Armando Fajardo, no bairro Cruzeiro Celeste, próximo à Rondomig. Neste ano, a campanha da Prefeitura e entidades parceiras trouxe o tema "Juntos Salvamos Vidas". Ações de conscientização sobre a prevenção de acidentes no trânsito estão sendo realizadas desde o dia 16 de maio em vários pontos da cidade com distribuição de panfletos pela equipe do Setor de Trânsito e Transportes (Settran). Além disso, estão sendo realizadas vacinação contra a gripe e testes rápidos de Doenças Sexualmente Transmissíveis (IST's), direcionados a grupos prioritários.

O chefe do Settran, José Jayme Figueiredo Franco, pontuou que a segurança no trânsito é muito abrangente e precisa do engajamento de todos. "As ações de prevenção visam reduzir acidentes e preservar vidas, mas é necessário a conscientização de todas as esferas da sociedade para a construção de um trânsito seguro", afirmou.

PREVENÇÃO O Maio Amarelo 2022 é uma realização da Prefeitura de João Monlevade, por meio do Setor de Trânsito e Transportes (Settran) e tem o apoio da Secretaria Municipal de Saúde, por intermédio da Vigilância em Saúde (Visa), do CNT/Sest Senat, do Observatório Nacional de Segurança Viária, do Lions Clube Centro, do Lions Clube Sobral, do Sevor, da Polícia Militar e da Câmara Municipal.

MATRIZ | rua Cerâmica, 17, Carneirinhos, Monlevade - 3851-2349 FILIAL | rua Augusto Pessoa, 137, Sl 101, Centro, São Gonçalo - 3833-5255

www.osasgcontabilidade.com.br

BR 262 km 111, saída para Vitória 3852-8866 - cisnemotel.com.br

2686.indd 10

26/05/2022 21:03:19