__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1

Acesse o site

DESDE 1984 FUNDADOR: MÁRCIO PASSOS

48(0/È6$%(248(',=

Ano 37 - Edição 2628 - R$1,00

9 a 15 de Abril a de 2021

MINISTÉRIO PÚBLICO EMBARGA ASFALTAMENTO DE FERNANDES A PACAS OBRA DA PREFEITURA DE SÃO GONÇALO, INICIADA NA GESTÃO PASSADA, É SUSPENSA PELA SEGUNDA VEZ PÁGINA 4

Decreto fecha supermercados e padarias no fim de semana ESTABELECIMENTOS COBREM PRATELEIRAS DE PRODUTOS NÃO ESSENCIAIS A Prefeitura de João Mon- alimentícios como supermer- de semana. Eles poderão fun- mercados estão proibidos de queados ou ocultados, conforlevade decretou a proibição cados, padarias, sacolões, lan- cionar somente no esquema vender produtos considerados me o determinado pelo goverdo funcionamento de setores chonetes e açougues no fim delivery. Além disso, super- não essenciais, que foram blo- no municipal. Página 3


9 a 15 de Abril a de 2021

2 Opinião

EDITORIAL

Seis mil casos um ano depois

Um ano após registrar o primeiro caso de coronavírus no município, João Monlevade tem um saldo terrível em relação à doença: 6.098 anotações da Covid-19, 144 pessoas falecidas e outras sete mortes em investigação, podendo ultrapassar 150 óbitos causados pela doença. Além das vidas ceifadas, há outros fatores que tornam a situação ainda mais dramática, como a lotação do Hospital Margarida, com o CTI trabalhando bem acima da capacidade e médicos, enfermeiros, técnicos e fisioterapeutas esgotados. A situação é crítica e de desespero. Não é alarmismo, catastrofismo ou sensacionalismo de jornal. É a realidade. Muitas pessoas que não usam máscaras, que participam de aglomerações ou que minimizam a pandemia, não sabem o que se passa dentro de uma casa de saúde, com pacientes buscando desesperadamente o ar para sobreviver. Quem não cumpre as regras para evitar a transmissão do vírus

CHARGE

mortal, desrespeita a dor das centenas de pessoas que perderam entes queridos, em questão de semanas em João Monlevade. Enterrar um pai, uma mãe, um amigo ou um irmão sem sequer direito a velório e a uma despedida digna é uma dor sem tamanho. Não se pode sequer ver o corpo pela última vez antes do funeral. E se é dolorido para as famílias, é também para as vítimas, que estão morrendo em isolamento hospitalar, sem família ou amigos por perto. Isso, porque as visitas são proibidas uma vez que o risco de contágio é muito alto. Não é mais questão de fechar ou abrir comércio. Nem é momento de debater o que é ou não essencial. Todas as atividades são importantes e fundamentais para a sociedade. Mas a questão agora é evitar mais mortes. É preciso lutar por vacinas para todos. Sem elas, será difícil parar a contaminação para a economia voltar a crescer.

#OcupaTudo (*) WIR CAETANO Já me manifestei algumas vezes sobre a falta de maior entrosamento de trabalhadores e trabalhadoras da cultura de João Monlevade com as cenas culturais de outras cidades. Essa questão está intimamente ligada a outra: a baixa participação local em editais de fomento, esses instrumentos que viabilizam captação de recursos para produção de arte, artesanato e afins. Para dar só um exemplo, podemos citar o 1º Festival 7 Faces Multicultural, realizado com recursos da Lei Aldir Blanc pelo Grupo Carla Lisboa, daqui da cidade, com abrangência estadual. O número de inscrições chegou a 240, das quais 152 foram válidas por estarem plenamente de acordo com as exigências do edital. Na programação, houve apenas um evento de João Monlevade, meu painel audiovisual “20 minutos de FAMA: da melodia à letra”, ainda que os realizadores desejassem uma presença monlevadense maior. O número de propostas locais inscritas foi de apenas quatro, sendo uma delas invalidada por não cumprir todas as etapas exigidas. Sem uma pesquisa de campo, é difícil avaliar em que amplitude a classe artística do município tomou conhecimento da convocatória do 7 Faces, mas a baixa participação não surpreende quando se avaliam outros editais, sejam da região, do estado ou em âmbito nacional. Esse é um cenário que precisa ser mudado. Seja ou não boa a circulação de informações sobre editais de fomento cultural por aqui, o hábito de pesquisar no mundo digital, nas redes sociais e para além delas, é muito bom. Aprender de fato a navegar na Internet para se informar, em vez de simplesmente naufragar em suas bolhas, é mais do que importante.

Mas nem tudo começa ou termina em editais. A atualização de repertórios criativos, por meio da participação em oficinas e outras ações formativas, cuja oferta em formato online e em modalidade gratuita cresceu significativamente nesses tempos de isolamento social em razão da Covid-19, precisa entrar na lista de tarefas inadiáveis. O simples contato com vivências diferentes e linguagens diversas é uma experiência que contribui para alimentar novas poéticas. O narcisismo de lugar – como gosto de chamar o discurso de valorização das “belezas da cidade” que se limita a enamorar-se pelo próprio umbigo – é improdutivo. Como diz a canção “Lágrimas Negras”, de Jorge Mautner e Nelson Jacobina, “belezas são coisas acesas por dentro”. As coisas de dentro devem estar acesas para permitir ver outros territórios por onde transitar. Necessário ocupar espaços. Necessário estar onde os povos estão, os nossos e os outros. Necessário não se contentar com os círculos habituais nem com as tradições cristalizadas. Talvez a imprensa local possa contribuir garimpando informações sobre editais de fomento Brasil afora, prática que instituições como a Fundação Casa de Cultura também podem adotar de forma permanente. Talvez trabalhadores e trabalhadoras da cultura possam usar ferramentas como o WhatsApp para fazer circular entre seus pares boas referências sobre oportunidades que surgem. Talvez, talvez, talvez. Os “talvezes” podem ser muitos, mas todos se cruzam em um objetivo: consolidar uma cena cultural na cidade e marcar presença em outras cenas. Não descuidem desta hashtag: #OcupaTudo.

(*) WIR CAETANO é jornalista, escritor, fotógrafo e letrista de música

Velozes, Furiosos E Idiotas (*) MARCOS MARTINO Tem motoristas que são alucinados para ultrapassar. Aqueles carretões gigantes então...é muita tentação. Eles conhecem as regras e tudo. Mas têm uma perversão, uma rebeldia velada, gostam de afrontar. Ultrapassam mesmo correndo riscos e colocando em risco a vida dos outros. Costumam ultrapassar acima da velocidade permitida também, afinal, se tem um carrão caro que faz 250, jamais vão concordar em rodar a 100 kms por hora. Tem risco de multa? Tem, mas quase não tem fiscalização. Tem risco de acidente? Também, mas antes viver 10 anos a mil do que mil a dez. E se morrer, morreu! Morrer faz parte da vida. Velozes, furiosos e idiotas. Tem gente que realmente tá pouco se lixando se milhares estão morrendo de COVID. Se não tiver hospital pra todo mundo, se morrerem 500 mil ou dois milhões tanto faz. Morrer é a única coisa certa nessa vida. Se tiver de ser hoje ou no ano que vem, tanto faz. Se tiver de ser por acidente de carro na 381 ou afogado no seco, como dizem ser a morte pela COVID, não faz diferença. A morte pode ser alívio. Tem gente que se rebela contra tudo que considere ser "coisa" do outro lado. Por isso detestam máscaras, pois acham que são símbolos de dominação, cabrestos impostos pelos inimigos. Há quem diga que as máscaras não cercam tudo, mas cercam 80% das gotículas. Dizem que o vírus passa pelos microfuros. Pior é levar no furico. Tem gente que acha que isolamento não funciona, mas cloroquina e ivermectina sim. Tem gente que chama a COVID de fraudemia e renega sua existência. Tem gente que elegeu a China como pátria de Satanás e todos os chineses como demônios raivosos. Para eles, o virus é a maior arma já inventada, mais que a bomba nuclear que colocou o mundo sob joelhos, uma invenção diabólica da biotecnologia chinesa. Tem gente que odeia tudo que é chinês, menos o Smartphone,

o tênis, game e a panela elétrica. Tem gente que continua apostando no terraplanismo. Tem gente que continua acreditando em quem mente o tempo inteiro. Tem gente que acha que devemos parar de assistir ou ler jornais, que devemos nos abstrair para não sermos tão afetados pelas notícias negativas. Tem gente que gosta de armas, de adquirir e atirar, alvejar animais, se necessário, matar gente. Tem gente que gosta da natureza, de conhecer os cursos d’água, a vegetação e relevo, os animais, o céu. Tem gente que aproveita pra tentar encontrar algum ovni no oceano de estrelas. Tem gente que aproveita até pra fazer amor. Tem um rapaz aflito nesse momento, sentindo intensa falta de ar. A aflição é imensa. Mas apareceu uma enfermeira anjo e lhe colocou no oxigênio. Alívio absurdo, paraíso na terra. Ele vai se livrar. Mas sofrerá com os sintomas. Tem gente que é fiel até o fim. Mesmo na hora da morte, aflito, ofegante, não trai suas convicções. Tem gente da saúde trabalhando firmemente em suas sagradas profissões, colocando em risco suas vidas pra salvar tantas outras. Eterna gratidão. Tem gente trabalhando na logística, nos aviões, nos caminhões, carros, motos, barcos, nos postos de saúde, na política, verdadeiros soldados nessa guerra invisível. Tem muitas lições nessas lutas e lutos. Tem gente que vai dar sequencia ao legado. Tem gente de todos os credos rezando. Que Maomé, Cristo, Jeová, Shiva, Tupã nos iluminem e protejam. Tem gente que transfere culpas pra não pesar sobre os próprios ombros. Mas a culpa é de toda a humanidade. Por isso a expiação é coletiva. Mas se fizermos nossas partes como indivíduos, como cidadãos, venceremos o desafio, veremos o sol brilhar novamente e em breve, poderemos nos abraçar sem medo.

(*) MARCOS MARTINO é compositor e ativista cultural

BIM para as Prefeituras (*) EDUARDO QUARESMA Já apresentamos neste espaço, o que é o BIM (Building Information Modeling), em português, Modelagem da Informação da Construção. O mundo já caminha nesta tecnologia e o governo tem incentivado a utilização da metodologia nas obras públicas. Ressalta-se que a construção civil é a grande interessada, pois o maior contratante de projetos a nível nacional é o próprio governo. As Prefeituras são responsáveis por diversas ações executivas: hospitais, escolas, drenagem, novas ruas, avenidas, praças, mobilidade urbana, moradias populares, mas necessitam aumentar a produtividade e reduzir gastos com obras. Temos em vigor o decreto Nº 10.306 desde o dia 2 de abril de 2020 que estabeleceu o uso do BIM na execução direta e indireta de obras e serviços de engenharia, realizada por órgãos públicos e pelas entidades da administração pública federal. A proposta é difundir e aplicar a metodologia o máximo possível. Esse decreto tem que obedecer algumas etapas. A primeira fase, a partir de 1º de janeiro de 2021, está focada em projetos de arquitetura e de engenharia para construções novas, ampliações ou reabilitações, quando consideradas de grande relevância para a disseminação do BIM. Nesta fase, será proposta a exigência do BIM na elaboração dos modelos de arquitetura e de engenharia, na detecção de interferências, na revisão dos modelos de arquitetura e de engenharia, na extração de quantitativos e na geração de documentação gráfica, a partir desses modelos. A segunda fase, a partir de 1º de janeiro de 2024, deverá contemplar algumas etapas que envolvem a obra. Entre essas, o planejamento da execução, para construções novas, reformas, ampliações ou reabilitações e a atualização do modelo e de suas informações como construído, para obras cujos projetos de arquitetura e engenharia tenham sido

realizados ou executados com aplicação do BIM. A terceira fase é a partir de 1º de janeiro de 2028. Para o sucesso da implantação desta metodologia foi criado o plano de execução BIM ou BIM Mandate. Assim, para a implementação do BIM nas Prefeituras temos quatro etapas: adequação de hardware e compra dos softwares necessários; suporte a treinamento de equipe; Projeto piloto para pôr em prática o ambiente de trabalho; análises críticas, definir fluxos, conteúdos e padrões e, por fim, uma avaliação dos resultados, revendo as possibilidades de melhoria, onde o órgão armazena seu manual de boas práticas e define novas metas para a execução. Também foram criados indicadores e metas para o uso do BIM no Brasil. Dentre esses, aumentar a produtividade das empresas em 10%, reduzir em 10% os custos de produção; aumentar em 10 vezes a adoção do BIM que hoje é 5% do PIB da construção civil e elevar em 30% o PIB desse setor. Estes indicadores darão a noção da evolução de todo processo. O país tem tudo para ter muito sucesso com a implementação do BIM, a começar pelas Prefeituras e demais órgãos públicos. Já temos casos de sucesso em administrações que estão aplicando essa metodologia. Elas ganham mais precisão, menos retrabalho e mais transparência nos projetos. Nós, profissionais e operadores da Engenharia, temos muito que avançar e o decreto é um excelente incentivo para que as estratégias saiam do papel. Para isto temos que capacitar, aperfeiçoar e treinar, pois esta metodologia BIM já demonstra que traz diversos benefícios. Quanto mais próximo da realidade o planejamento da obra estiver, maiores são as chances de sucesso do empreendimento no futuro.

(*) EDUARDO JOSÉ QUARESMA é inspetor chefe do CREA-MG, professor universitário e secretário de Obras de São Gonçalo do Rio Abaixo

COXIA Falsa enfermeira

Igrejas

A falsa enfermeira Cláudia Mônica Pinheiro Torres, que vacinou empresários e políticos em BH, pode também ter passado por Monlevade. Em depoimento, um dos empresários afirma que, certa vez, ela se atrasou para a aplicação, pois tinha vindo a João Monlevade. O assunto repercutiu muito na cidade e a pergunta que não quer calar: quem tomou a vacina falsa, aplicada por ela?

Golpe do golpe É um golpe em cima de outro golpe. Além de ser proibida a venda de vacinas, a apuração aponta que a mulher aplicava soro fisiológico, sem nenhum imunizante contra a Covid-19. É aquela história: "espertos" sendo passados para trás, por outra mais "esperta". Quem levou vantagem?

Vacinas verdadeiras A vacinação em Monlevade segue nesta sexta-feira, para a segunda dose em pessoas de 79 e 80 anos. Os trabalhadores da saúde que precisam da segunda dose também serão imunizados hoje. João Monlevade já tinha vacinado mais de 11 mil pessoas até quarta-feira (7). Devagar e sempre.

Enquanto isso Pela primeira vez, João Monlevade lacra produtos não essenciais em supermercados da cidade. É que segundo decreto, os estabelecimentos autorizados só podem vender alimentos, produtos de limpeza e de higiene. O objetivo é evitar a circulação de pessoas e excesso nesses locais, além de atender os comércios que vendem os mesmos produtos e estão proibidos de abrir. Por outro lado, os lojistas podem vender em modo online e entregar via delivery. A medida vale até a próxima segunda-feira (12).

Decreto E tem dado polêmica o decreto que restringe a venda de produtos tidos como não essenciais. Mas verdade seja dita: se as pessoas saíssem de casa somente quando necessário, o comércio poderia ficar aberto, atendendo a poucas pessoas por vez. Falta bom senso.

Outra imposição é a de que os templos serão obrigados a fechar no sábado e no domingo, justamente nos dias mais utilizados para os cristãos. Muitos, especialmente, os mais fervorosos, podem interpretar a determinação como um embaraço à liberdade de culto. O assunto foi parar até no STF que citou João Monlevade em um de seus debates. Ressalta-se que este é o momento mais crítico da pandemia do coronavírus no Brasil.

Mortes Monlevade registrava, na tarde de ontem (8), 144 mortes pela Covid. O Brasil ultrapassa 4 mil casos de óbitos. Falta mais bom senso para evitar aglomerações e frear a contaminação pelo vírus. A Prefeitura abriu edital para contratar cinco coveiros de forma emergencial. Sinal de que a demanda está alta. Ninguém quer a morte, é fato. Mas está difícil evita-la.

Boa notícia Hospital Margarida já dobrou a capacidade de leitos na enfermaria. Agora, em vez de 12 são 24, o que aliviou o setor, que estava operando acima da capacidade máxima. No entanto, os leitos do CTI continuam acima da capacidade. Por outro lado, o Hospital já solicitou cadastramento junto ao SUS para aumentar mais leitos também.

Assessor O ex-prefeito de Itabira e ex-deputado estadual, Ronaldo Magalhães (PTB), foi nomeado assessor do deputado Tito Torres (PSDB) na Assembleia de Minas. O candidato derrotado às urnas, na tentativa de reeleição para comandar a cidade vizinha nas últimas eleições, agora ocupa cargo comissionado no gabinete do deputado de João Monlevade. Voltas que o mundo e que a política dão.

Ajuda Não se pode esquecer que Tio Torres pediu votos e foi um dos grandes apoiadores da campanha de reeleição de Ronaldo Magalhães em Itabira. Agora, o deputado estende as mãos novamente para o político rejeitado nas urnas. Nas cidades da região, críticos têm considerado o episódio como uma grande derrota política de Magalhães.

4XHPOrVDEHRTXHGL] Diretora Geral: Maria Cecília A. Passos Registro profissional: MG07860JP

Editor: Erivelton Braz Assistente: João Vítor Simão Diagramação e Arte: Julieta Bittencourt Gráfica Nina: Guilherme Bessa e Sanzio Miranda Impressão: Editora Gráfica Nina Publicado desde 1984 - Propriedade da empresa A Notícia Regional Ltda. Circulação: João Monlevade e região Av. Rodrigues Alves, nº 78, República, João Monlevade/MG


Geral 3

9 a 15 de Abril a de 2021

Supermercados se adaptam a decreto e suspendem produtos não essenciais ESTABELECIMENTOS FICAM FECHADOS NESSE FIM DE SEMANA. HOJE, PODEM FUNCIONAR ATÉ 23H O comércio de João Monlevade funciona desde a última terça-feira (6) sob regras mais restritivas. O prefeito Laércio Ribeiro (PT) baixou

um novo decreto, vigente até à próxima segunda-feira (12) que, entre outras medidas, proibiu a venda de produtos considerados não essenciais

em supermercados. Pela primeira vez na história, supermercados, hipermercados, atacarejos, entre outros, tiveram que bloquear produtos

conforme o determinado pelo governo municipal, instalando lonas de tecido para cobrir as gôndolas. O novo texto foi publicado

um dia depois de uma carreata de parte dos comerciantes, que reclamava que a onda roxa do Programa Minas Consciente não surtiu efeito. O protesto

terminou na porta da Prefeitura, e alguns participantes foram recebidos pelo prefeito, que ouviu as reclamações e ficou de tomar novas medidas.

Confira o que vale até a próxima segunda-feira em João Monlevade: SUPERMERCADOS

serviços bancários e de pagamento remoto, através da internet.

Os supermercados, hipermercados, atacarejos e congêneres podem trabalhar de segunda a quinta-feira entre as 5h e as 19h, enquanto que hoje, sexta-feira, o funcionamento pode se estender até às 23 horas. No entanto, no sábado e no domingo, os estabelecimentos deverão estar fechados, podendo oferecer apenas os serviços de delivery. É obrigatória a afixação de avisos sobre a prevenção ao coronavírus e a presença máxima de clientes autorizada.

FARMÁCIAS

PADARIAS E LANCHONETES As padarias, lanchonetes e atividades similares poderão funcionar de segunda a sexta-feira, no horário entre 6h às 18h, devendo obrigatoriamente ter ocupação máxima de 30% e a distância linear de 3 metros entre os clientes, não podendo haver consumo no local. No período correspondente ao sábado e domingo, os estabelecimentos deverão permanecer fechados, podendo oferecer apenas os serviços de delivery. .

Limitadas ao comércio de medicamentos e produtos de higiene e limpeza, as drogarias podem abrir as portas entre as 8h e às 19h de segunda à sexta-feira. Fora deste horário, as farmácias precisam entregar os produtos na casa dos clientes ou operar em escala de revezamento, que deve ser apresentada à Prefeitura até esta sexta-feira (9). Esse escalonamento diverge do programa Minas Consciente, que mesmo na “onda roxa” classifica as drogarias como essenciais, permitindo-lhes o funcionamento normal.

VETERINÁRIAS Já as clínicas veterinárias e lojas de animais podem funcionar entre as 12h e às 18h de segunda à sexta-feira, oferecendo também o atendimento emergencial fora desses horários.

BEBIDAS

DEPÓSITO

O consumo de bebidas alcoólicas em locais públicos ou de uso coletivo está proibido. Fica permitido o funcionamento de bares, restaurantes e congêneres apenas na forma de delivery, devendo os pedidos serem realizado somente mediante meios de comunicação e/ou aplicativos, ficando proibida a retirada no local. Nos supermercados a venda poderá ocorrer de forma normal no horário de funcionamento. Ao contrário do que foi ventilado, os estabelecimentos podem vender as bebidas alcoólicas. Para as distribuidoras é permitido o funcionamento apenas na forma de delivery de segunda a quinta-feira, entre 9h às 19h. Em relação à sexta-feira, o funcionamento será permitido no horário de 9h às 23h, devendo os pedidos serem realizado somente mediante meios de comunicação e/ou aplicativos. No sábado e no domingo, os estabelecimentos deverão permanecer fechados, podendo oferecer apenas os serviços de delivery no horário entre 9h às 20h.

ESCRITÓRIOS

SUSPENSÕES As escolas, clubes, auto-escolas, academias de ginástica, salões de beleza, barbearias, clínicas de estética estão suspensas.

VEÍCULOS Concessionárias e agências de veículos, que antes podiam funcionar, estão suspensas até a próxima segunda-feira (12). Locadoras de veículos podem funcionar de segunda à sexta entre 7h às 17h. Já as oficinas mecânicas e borracharias podem operar entre as 8h e as 17h, também de segunda à sexta-feira.

Os depósitos de materiais de construção funcionam de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, restringindo-se às entregas durante os fins de semana. Os clientes devem ter a temperatura aferida na entrada e distanciar-se por três metros entre si, ficando o estabelecimento obrigado a admitir apenas 30% de sua capacidade.

Os escritórios de contabilidade e de advocacia podem abrir as portas de segunda à sexta-feira entre as 8h e às 13h, estando autorizado o atendimento emergencial fora desses horários.

TRANSPORTE PÚBLICO O transporte público coletivo pode circular limitado à capacidade de passageiros sentados, tendo as linhas duplicadas entre as 6h e às 9h e as 17h e às 20h. Os veículos devem ser desinfectados ao fim de cada viagem, trafegar somente com janelas e alçapões abertos e ter álcool em gel disponível para os passageiros. Já os táxis e carros de aplicativos também deverão fornecer o álcool em gel, somente podendo transportar três passageiros.

IGREJAS As igrejas de João Monlevade terão celebrações com público limitado a 25% da capacidade dos templos, com os fiéis sempre separados por três metros entre si e recebendo álcool em gel na entrada. No sábado e no domingo, os espaços de culto devem permanecer fechados.

VELÓRIO

BARES E RESTAURANTES Bares, restaurantes, sorveterias, docerias, serviços de bufê e afins podem apenas entregar os produtos em casa, estando vetada a retirada no balcão.

COMÉRCIO EM GERAL Lojas de autopeças, de roupas, calçados, cama, mesa e banho, e o comércio em geral, podem vender online e apenas entregar os produtos em casa. A retirada no balcão está proibida.

Já os funerais podem durar até três horas, com os presentes sendo, no máximo, 25% do espaço, ficando separados obrigatoriamente por três metros entre si, usando máscaras, tendo a temperatura aferida e recebendo o álcool.

ÓRGÃOS PÚBLICOS

Podem funcionar livremente apenas as atividades ligadas a saúde, segurança, indústria, assistência funerária, comércio de combustíveis, o Terminal Rodoviário e os serviços de entrega.

A administração pública também é afetada pelo novo decreto. Ficam suspensos os prazos recursais, de defesa ou o acesso aos autos públicos durante a vigência da medida, à exceção dos casos de decadência ou prescrição. O atendimento ao público também fica suspenso nas repartições municipais. O texto termina com a reserva da Prefeitura em poder decretar novas medidas de prevenção ao coronavírus, se julgar necessário.

LOTÉRICAS E BANCOS

MULTAS

As casas lotéricas podem abrir as portas entre as 8h e as 18h, de segunda à sexta-feira. Elas e os bancos serão obrigados a aferir a temperatura corporal dos frequentadores, controlando o fluxo e separando os presentes por um mínimo de três metros entre si. Os sistemas de ar condicionado e todo o ambiente devem ser constantemente higienizados. As instituições devem estimular o uso dos

Quem descumprir as imposições, ou for flagrado circulando sem máscara em espaço público ou de uso coletivo, receberá inicialmente uma multa de R$252,42, que pode ser aumentada em até R$25.241,60 em caso de reincidência. No caso das pessoas jurídicas, o alvará de funcionamento pode ser suspenso por 60 dias, e o estabelecimento pode ser compulsoriamente encerrado.

LIBERADOS

Falsa enfermeira teria aplicado vacina em João Monlevade

Hospital recebe R$300 mil hoje

NOME DA CIDADE FOI CITADO EM DEPOIMENTO DE DONO DA SARITUR A cuidadora de idosos que se passou por enfermeira, Cláudia Mônica Pinheiro Torres, e que aplicou supostas vacinas de Covid-19 em empresários e políticos de Belo Horizonte, pode também ter imunizado pessoas de João Monlevade. Em depoimento à Polícia Federal, o empresário Rômulo Lessa, um dos donos da empresa Saritur (em cuja garagem houve a vacinação clandestina na capital mineira), afirma que Cláudia atrasou em um dia, porque tinha ido a João Monlevade aplicar vacinas. "Os horários de vacinação começavam às 17h50 até as 19h. Na terça-feira, Claudia se atrasou por volta de duas horas porque tinha ido a João Monlevade vacinar outras pessoas, sem especificar onde", afirmou Rômulo. As informações foram repassadas em reportagem exibida pelo MG1, da TV Globo, na terça-feira (6). A Saritur opera como empresa de transporte em cidades da região. Investigações da Polícia

Reprodução TV Globo

REPRODUÇÃO do trecho do depoimento de Rômulo Lessa à Polícia Federal

Federal apontam que a enfermeira cobrava R$600 pelas doses da suposta vacina. Os trabalhos da polícia pontam que a mulher aplicava soro fisiológico, sem qualquer imunizante contra o coronavírus. No depoimento, não foram informados nomes de quem teria se vacinado em Monlevade. No entanto, de acordo com relatos divulgados pela imprensa, no dia 25 de março, o grupo de empresários e políticos foi vacinado por uma enfermeira que

se atrasou porque estava imunizando outro grupo na Belgo Mineira, hoje pertencente à ArcellorMittal Aços. Em nota, a ArcelorMittal afirmou que nunca comprou nenhuma vacina para o combate da Covid-19 da Pfizer ou de qualquer outra empresa farmacêutica. “A empresa nunca fez nenhum contato com a Pfizer ou qualquer outra empresa do setor farmacêutico para compra direta de vacinas contra o coronavírus. A Abertta Saúde,

empresa de gestão de saúde da ArcelorMittal, atua como posto avançado de vacinação do SUS junto às Secretarias Municipais de Saúde de Belo Horizonte e de Contagem. No entanto, a ArcelorMittal desconhece qualquer atuação de seus profissionais em atos correlacionados à vacinação fora dos protocolos do Ministério da Saúde e do Programa Nacional de Imunização – PNI”, informa o texto.

A Prefeitura de João Monlevade repassa hoje (9), R$300 mil para o Hospital Margarida, referentes à primeira parcela de convênio, que garante o repasse de R$900 mil para o hospital, divididos em três meses. O convênio foi assinado ontem (8) pelo prefeito Laércio Ribeiro (PT) no gabinete, com a participação do presidente da Câmara Municipal, Gustavo Maciel (Podemos), do vice-prefeito, Fabrício Lopes (Avante), do chefe de Gabinete, Geraldo Giovane Silva, e da secretária de Saúde, Mirellié Marcenes Santos. Dos R$300 mil repassados, R$200 mil são recursos próprios e R$100 mil são referentes à devolução feita pela Câmara de Vereadores, provenientes da economia do Legislativo Municipal. O dinheiro será utilizado para a manutenção de leitos no ambulatório e enfermaria do Hospital Margarida, dedicados ao tratamento de pacientes com coronavírus. O prefeito Laércio ressaltou que o momento é de abraçar o hospital e agradeceu aos vereadores pela devolução dos recursos. “É um momento de-

licado que exige a união de todos. Por isso nos unimos à Câmara quando os vereadores nos procuraram para devolver o dinheiro para repassar ao hospital”, disse o prefeito. O presidente da Câmara, Gustavo Maciel, também comentou a importância da doação. “Que a nossa contribuição possa sensibilizar toda sociedade, para que também colabore com o hospital neste período tão grave que estamos vivenciado”, argumentou O provedor do hospital, José Alberto Grijó, falou que os recursos chegam em momento de dificuldades pelas quais o hospital e o município atravessam. “O Hospital Margarida passa por um momento muito difícil. Esses recursos são extremamente importantes para continuar prestando serviços com qualidade”, afirmou. Ele ainda fez um apelo à população para que siga as medidas sanitárias de higiene e distanciamento social para frear a transmissão da doença, fator fundamental para diminuição da taxa de ocupação de leitos da Covid-19 no hospital..


4

9 a 15 de Abril a de 2021

Região

Ministério Público embarga obra de asfaltamento de Fernandes a Pacas

SEGUNDO PREFEITURA, NOZINHO TOMARÁ PROVIDÊNCIAS PARA QUE OBRA SEJA EXECUTADA COM TRANSPARÊNCIA O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) embargou novamente a obra de pavimentação e asfaltamento da estrada que liga a localidade de Fernandes à Santa Rita de Pacas. A Ação Civil Pública nº 5000083-89.2021.8.13.0572 segue em defesa do patrimônio público e foi despachada pelo juiz da Comarca de Santa Bárbara, Thomas Vinícius Schouns. O MPMG acatou denúncia da Construtora Santa Fé, concorrente na licitação da obra, ocorrida em 1º de outubro do ano passado, durante gestão do então prefeito Antônio Carlos (PDT). Segundo a concorrente derrotada, houve irregularidades no processo com exigências excessivas. O prefeito Raimundo Nonato Barcelos, o Nozinho (PDT),

adianta que tomará providências para que a obra seja executada o quanto antes, através de um processo totalmente transparente. “A população do Fernandes não ficará prejudicada. Iremos realizar essa obra de forma responsável”, reforça o chefe do Executivo. De acordo com os assessores jurídicos, André Luiz Barbosa e Elves Gonçalves da Rocha, esta é a segunda vez que a obra é embargada desde sua primeira licitação em março de 2020. Logo após o início dos trabalhos em agosto daquele ano, fora ajuizada uma ação, devido a irregularidades que se referiam, entre outras coisas, à ilegalidade da exigência de localização de usina de asfalto. Segundo o secretário de Obras e Serviços Urbanos,

Divulgação/Acom/PMSGRA

OBRA FOI interrompida pelo MP, mas deve receber novo projeto de execução

Eduardo José Quaresma, a pavimentação já havia sido suspensa em janeiro de 2021 para averiguação interna, pois exis-

tem diversos condicionantes ambientais que não foram levados em consideração no projeto atual. Uma nova licitação para

Prefeitura de São Gonçalo adquire três respiradores para atendimento no PA

AcomPMSGRA

EQUIPAMENTOS serão usados no PA de São Gonçalo

A Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo, através da Secretaria de Saúde, recebeu ontem (6), três novos respiradores para a assistência ventilatória dos pacientes com a Covid-19. A equipe comemorou a aquisição dos equipamentos para melhor atender os pacientes. O PA já contava com quatro respiradores. Segundo a administração, dos três equipamentos, dois foram adquiridos com recursos próprios e um com recursos da Covid. Eles farão parte do

Centro de Combate a Covid-19 no Pronto Atendimento. Para o prefeito Raimundo Nonato Barcelos, o Nozinho (PDT), a aquisição desses respiradores é uma forma de amenizar a dor e dar mais conforto ao paciente em São Gonçalo. “Estamos fazendo de tudo para minimizar os impactos do coronavírus em nosso município. Sabemos que é um problema mundial, mas vamos fazer o que estiver ao nosso alcance para amenizar essa situação”, reforçou Nozinho.

o trecho de 10 km será realizada para atender aos anseios da comunidade local.

ESTRADA DE SÃO GONÇALO A FERNANDES No entanto, segundo a Pre-

feitura, a comunidade terá um outro benefício. Conforme Eduardo Quaresma, já está em elaboração um anteprojeto de pavimentação da estrada que ligará São Gonçalo do Rio Abaixo à localidade de Fernandes, um trecho de 15 quilômetros.

Deputado Bernardo Mucida anuncia R$200 mil para ações em saúde

Itabira disponibilizará R$12 milhões para micro e pequenos empresários A Prefeitura de Itabira anuncia para a segunda quinzena de abril, dois projetos de lei que tratam de medidas econômicas de enfrentamento aos reflexos da crise provocada pela Covid-19. As iniciativas, conforme o município, tratam de um fundo de incentivo de R$12 milhões aos microempreendedores individuais (MEI), pequenos e médios empresários e da anistia de dívidas por meio do programa de refinanciamento (Refis). Os projetos são estruturados pelas secretarias municipais de Fazenda e Planejamento. A proposta do fundo é conceder, através de agente financeiro contratado, financiamento aos empreendedores urbanos e rurais de Itabira, sem juros, com apenas encargos de cadastro. A Secretaria Municipal de Fazenda já tem o orçamento disponível e está em contato com o setor bancário para obter a melhor proposta para a gestão financeira do Fundo. O modelo de adesão ainda será anunciado. Paralelamente ao fundo de incentivo, o governo finaliza o programa de refinanciamento e anistia de dívidas. O Refis municipal vai estabelecer medidas excepcionais para quitação de débitos vencidos e permitir que contribuintes possam recuperar a situação de adimplência com a Prefeitura, além de estimular a retomada da atividade econômica em Itabira. O Refis permitirá a renegociação de créditos tributários (IPTU, ISS e taxas municipais) e créditos não tributários (preços públicos,

cessão ou permissão do direito de uso, renegociação de dívidas do Fundesi e da Patrulha Agrícola, multas administrativas e contratuais e penalidades aplicadas por descumprimento de obrigações acessórias). Os descontos podem variar de 30% a 100%, dependendo da opção de parcelamento do contribuinte.

PREFEITO de Itabira, Marco Antônio Lage, anuncia medidas para a economia

Divulgação

ANÚNCIO foi feito pelo deputado nesta semana

RETOMADA Itabira está na Onda Roxa do Minas Consciente até o dia 11 de abril. O cenário da pandemia no município ainda é grave, embora a taxa de contaminação tenha caído desde o início da implantação das medidas restritivas. No dia 8 de março, quando o fechamento de atividades não essenciais foi determinado, o índice de transmissão era de 1,27. O indicador já reduziu para 1,2, depois 1,16 e agora está em 1,13, segundo a última amostragem, aferida na sexta-feira (2). Um índice de 1,13 significa que 100 pessoas estão contaminando outras 113. O prefeito Marco Antônio Lage estipulou como meta que o indicador esteja abaixo de 1 para o início do protocolo de flexibilização das atividades comerciais. Também será considerada a taxa de ocupação de leitos, que tende a aliviar com a abertura de novos espaços nos hospitais Carlos Chagas (onde 28 novos leitos de enfermaria e 2 de UTI já funcionam) e no Nossa Senhora das Dores (onde serão mais 20 leitos de UTI a partir dos próximos dias). “São indicadores importantes que precisam ser levados

Divulgação

em consideração no momento de planejar a flexibilização. Não há outro caminho. A taxa de contaminação tem caído a cada semana da Onda Roxa e isso é um indicativo de que as medidas estão funcionando. Temos o decreto estipulando que essa fase vai até o dia 11 e é a data que temos para manter a desaceleração da taxa de transmissão e alcançar a meta inferior a 1 ponto”, diz o prefeito Marco Antônio.

AUXÍLIO Além do fundo de incentivo e do Refis, outro importante pilar do pacote de medidas econômicas é a Moeda Social Digital. O projeto vai para o Legislativo nesta semana, em regime de urgência. A iniciativa vai abraçar cerca de 15 mil itabiranos que vivem em situação de pobreza e extrema pobreza no município com um valor fixo mensal. Não se tra-

ta de um auxílio emergencial, mas de uma política de assistência social permanente. Uma das regras da Moeda Social é que ela só poderá ser usada no comércio de Itabira. Essa determinação é justamente para que a medida seja, além de uma política social, um incremento à economia do município. A projeção é de que, em quatro anos, a Moeda injete cerca de R$30 milhões na economia local. “Nós temos plena consciência de que é um momento muito difícil para os empresários, sobretudo aquele pequeno, que depende do comércio ativo para ter sua renda. O momento da pandemia nos levou às medidas mais duras e restritivas, mas não fechamos os olhos para o auxílio aos lojistas. Estamos trabalhando para fortalecer o sistema de Saúde, mas sem deixar de lado a preocupação com a economia”, finaliza o prefeito Marco Antônio Lage.

O deputado estadual Bernardo Mucida anunciou na terça-feira (6), a destinação de R$200 mil em emendas parlamentares para a saúde de Itabira. O anúncio foi feito durante a recepção dos primeiros estudantes do último período do curso de Medicina, que irão trabalhar no Programa de Saúde da Família (PSF), no município. Através de convênio com universidades, os formandos ampliarão o funcionamento das equipes de PSF até às 21 horas, desafogando a demanda por profissionais nos setores de tratamento da Covid-19. Com carreira em Itabira e reduto eleitoral no Médio Piracicaba, Mucida tomou posse em fevereiro, após a eleição de Marília Campos (PT) para a Prefeitura de Contagem. Essa é a primeira emenda enviada pelo deputado Mucida, que tomou posse há pouco mais de 60 dias. Ele comentou: “Fiz questão de destinar minha primeira emenda à Itabira, em uma ação

que contribui com a população de toda região. Por Itabira ser referência regional na saúde, a verba trará reflexos imediatos para as cidades vizinhas, contribuindo com toda região do Médio Piracicaba, que enfrenta dificuldades na pandemia”. Ao lado do prefeito de Itabira, Marco Antônio Lage (PSB), Mucida recepcionou os profissionais, o que possibilitará a ampliação do atendimento nos PSF’s até às 21h, desafogando os dois hospitais da cidade. “Meu trabalho ao lado do Marco é e sempre será fazer o melhor para Itabira. Como deputado, reitero meu compromisso de atuar por nossa região. Continuarei com ações que nos possibilitem construir uma região forte em todos os aspectos e o momento é de voltarmos as atenções para a saúde pública, especificamente para o combate à pandemia. Lamento muito a morte de vários itabiranos, me solidarizo com familiares e amigos”, afirmou o deputado.

ORION CONSULTORIA, REPRESENTAÇÕES E MINERAÇÃO LTDA., inscrita no CNPJ sob o nº 08.601.752/0001-10, por determinação da Superintendência Regional de Meio Ambiente – SUPRAM Leste Mineiro, torna público que solicitou, por meio do Processo Administrativo nº 17329/2018/001/2018, o Licenciamento Ambiental Concomitante – LAC1 (Licença Prévia – LP, Licença de Instalação – LI e Licença de Operação – LO, concomitantemente, em uma única fase), para o empreendimento localizado na Fazenda Ouro Fino – Matrícula 2.750, Zona Rural, município de Alvinópolis, Estado de Minas Gerais, processo ANM831.817/2016, atividade de lavra a céu aberto – minério de ferro (A-02-03-8 – produção bruta de 300.000 t/ ano), Classe 2. O requerente informa que foram apresentados os Estudos de Impacto Ambiental (EIA) e o Relatório de Impacto Ambiental (RIMA), e que o RIMA encontra-se à disposição dos interessados na Superintendência Regional de Meio Ambiente – SUPRAM LM, das 8h30min às 11h30min e das 13h00min às 16h30min. O requerente comunica que os interessados na realização da Audiência Pública deverão formalizar a sua solicitação, conforme previsto na Deliberação Normativa COPAM nº225, de 24 de agosto de 2018, na SUPRAM LM, localizada na Rua Oito, 146 – Ilha dos Araújos – Governador Valadares/MG, CEP: 35020-700, das 8h30min às 11h30min e das 13h00min às 16h30min, dentro do prazo de 45 dias a contar da publicação da SUPRAM LM na Imprensa Oficial de Minas Gerais – IOF/MG.


Geral 5

9 a 15 de Abril a de 2021

Projeto social promove reforma de casas e cursos de qualificação DOAÇÕES DE SOBRAS DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO SÃO BEM-VINDAS PARA AS OBRAS “Transformando Lares e Vidas”. Este é o nome de um projeto social nascido durante a pandemia e que pretende proporcionar condições dignas de moradia a famílias carentes de João Monlevade, além de promover capacitação aos moradores através de cursos de qualificação e treinamento profissional. Idealizado pela empresária Elizete Vidal, proprietária do Buffet Barenze, atualmente, o projeto faz parte do Comitê Permanente de Desenvolvimento Social e Econômico (CP10), da Associação Comercial, Industrial e Prestação de Serviços de João Monlevade (Acimon). A iniciativa voluntária se propõe, em uma primeira etapa, a reformar residências de pessoas que vivem em condições precárias, com materiais de doações. Após esta fase, os moradores passariam por cursos de capacitação para que consigam dar manutenções em suas casas e conquistem uma profissão. Elizete explica que o “Transformando Lares e Vidas” surgiu através de um outro projeto voluntário, de doação de cestas básicas. Segundo ela, para selecionar as famílias

que seriam beneficiadas com as cestas, foi realizada uma sindicância. “Durante esta triagem, descobrimos que as pessoas não precisavam somente de alimentos. Encontramos casas que não tem banheiro, não tem cozinha. Surgiu aí a idéia de reformar essas residências e dar oportunidade aos moradores”, contou a empresária. Elizete explica que a escolha dos beneficiários é criteriosa, com avaliação minuciosa das condições financeiras. A primeira moradia contemplada com a reforma era cheia de buracos que permitiam a entrada de cobras. Agora, está sendo beneficiada uma senhora cuja cozinha e banheiro eram constituídos por aglomerados de plástico e papelão. Através da iniciativa, a moradora vai ganhar cômodos em alvenaria. As reformas são possíveis através da ajuda de construtoras e doações de depósitos de construção. A empresária também pede a contribuição da comunidade com produtos em bom estado para as reestruturações. “Quem tiver interesse em agregar aos projetos, fazer doações, será muito bem vin-

dos. O que não serve para você, pode servir para o outro”, conta Elizete. Segundo ela, a construtora Ferreira Júnior, além de doações, cedeu um espaço na empresa para o recebimento de sobras de materiais de construção de quem quiser doar.

QUALIFICAÇÃO Como o próprio nome do projeto diz, o objetivo é transformar lares, mas também vidas. Para isso, serão ministrados cursos de qualificação e treinamento profissional aos moradores da residência reformada, atividade que está paralisada atualmente devido a pandemia. A intenção é preparar o beneficiado para o mercado de trabalho, proporcionando-lhe autonomia de vida e a possibilidade de conservar e ampliar as melhorias que lhe foram propiciadas pela reforma.

INTERESSADOS As pessoas interessadas em conhecer mais sobre o projeto ou que queiram fazer doações podem entrar em contato com o grupo de voluntários através

“Deus me deu uma nova oportunidade”, afirma sobrevivente da Covid-19

Reprodução

NATÁLIA deixou o Hospital Margarida nesta semana

Em meio a notícias de tantas mortes e aumento de casos de coronavírus que segue vitimando mais pessoas, dia após dia, em todo o Brasil, uma sobrevivente da Covid-19 faz um relato da luta contra a doença e da sua passagem pelo setor especial do Hospital Margarida. Natália d’Assunção Albuquerque, de 51 anos, é moradora de João Monlevade, e precisou ser internada após contrair a doença. Ela conversou nesta semana com o A Notícia. Natural de Nova Era, mas vivendo desde a infância em

João Monlevade, Natália conta que começou a sentir os primeiros sintomas no dia 23 de março. Um exame de farmácia, realizado dois dias depois, confirmou a infecção pela Covid-19, cuja origem ela não sabe precisar. Na terça-feira (30), ela precisou ir à Central de Atendimento para o coronavírus, na sede da Secretaria Municipal de Saúde, no bairro Belmonte. Com a piora de seu quadro, ela foi transferida, no mesmo dia, para o Hospital Margarida, já recebendo oxigenação.

Segundo Natália, ela permaneceu no ambulatório da casa de saúde, na terça e na quarta-feira, sendo depois levada para a enfermaria especial para a Covid. Ali, médicos e enfermeiros monitoravam seu estado a todo instante. No entanto, a tensão presente no setor especial causou-lhe profunda impressão: “Tive muito medo (de morrer). O hospital está lotado, uns partem para dar lugar a outros, uma cena que me machucou muito”. Seu período de internação terminou na última terça-feira (6), e foi registrado pela sua filha, Isabela Albuquerque, que gravou um vídeo no momento de sua alta. “Foi muita alegria poder sair, Deus esteve o tempo todo comigo”, afirmou. Agora, seu tratamento será reforçado com fisioterapia. Para a comunidade, Natália deixa uma mensagem: “Não abusem da sorte, mas cuidem-se. Deus me deu uma nova oportunidade. Sou temente a Deus e estou aqui, prova que Ele não nos abandona. Que Deus abençoe a todos, principalmente, as enfermeiras e médicos"

Profissionais da linha de frente recebem atendimento em saúde mental A Secretaria de Saúde de João Monlevade inicia projeto de atendimento em saúde mental aos profissionais que trabalham na linha de frente da Covid-19. O objetivo é oferecer cuidados psicossociais e clínicos aos médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, técnicos e auxiliares de enfermagem, ajudante de serviços gerais, dentre outros diretamente vinculados ao serviço. A coordenadora da Divisão de Saúde Mental de João Monlevade, Eliana Bicalho Ferreira de Almeida, informou que o projeto foi elaborado após solicitação da secretária de Saúde, Mirellié Marcenes Santos. Segundo ela, os trabalhadores vêm sofrendo estresse desde o

início da pandemia. Além disso, a Organização das Nações Unidas (ONU) alerta que os profissionais da linha de frente do coronavírus estão sujeitos também a fatores específicos como o medo de se contaminarem ou aos familiares; medo de morrer, ou perder colegas ou parentes para a doença; luto pela morte de pacientes; frustrações por não conseguirem atender seus pacientes; cansaço físico e emocional; esgotamento; depressão; ansiedade; transtorno de estresse pós-traumático, entre outros. Eliana Almeida ressalta que com o colapso do sistema hospitalar em João Monlevade, os profissionais do hospital e do

Centro de Referência em Covid-19 estão sob enorme pressão. “Temos recebido relatos de pessoas que querem abandonar o trabalho. É preciso cuidar de quem está cuidando de nós”, disse. Além de Eliana, participaram da elaboração do projeto a primeira-dama, Rosângela Guimarães Ribeiro, que é psiquiatra, e a gerente administrativa do Serviço de Saúde Mental (Sésamo/Caps II), Samanta Cristina Oliveira. “A pressão sob estes profissionais só vai diminuir se a população obedecer às regras que buscam frear a transmissão do vírus”, afirma a coordenadora do Sésamo.

Divulgação

AÇÃO SOCIAL reforma casas, proporcionando condições dignas de moradia a famílias carentes

da Acimon ou pelos telefones 97589-7921 (Elizete) ou 994084133 (Anly). “Vamos ajudar. Tudo é colheita. Quando Deus nos dá alguma coisa é porque ele acredita que vamos reverter isso para os outros”, acredita

Elizete. Nesta semana, a empresária concedeu uma entrevista ao jornalista Édio Souza, da Acimon Web Rádio, sobre o projeto e outras ações voluntárias que ela desenvolve. A entrevista completa pode ser as-

sistida pelo canal do Youtube da Acimon ou pelo QR Code.

É PRECISO FALAR SOBRE AUTISMO

Mãe conta desafios e experiências de ter um filho com TEA

Divulgação

OTÁVIO Matusinhos é descrito pela mãe como muito inteligente, dono de uma notória memória de longo prazo

O dia 2 de abril é dedicado ao Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo. Atualmente, mais de dois milhões de brasileiros possuem alguma forma da síndrome, o que equivale a quase 1% da população. O transtorno possui uma ampla gama de manifestações, e ainda é alvo de desconhecimento e discriminação. A diretora da Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de João Monlevade, Eucalina Monteiro Ferreira, conta que a instituição atende atualmente a 32 pessoas com o Transtorno do Espectro do Autismo (TEA). O acompanhamento é geralmente feito por neuropsiquiatras e neuropediatras, podendo haver a prescrição de medicamentos. Ao contrário dos portadores de outros transtornos, os autistas não possuem nenhuma característica física que os identifique como tal. Juliana Marques Maciel é mãe do garoto Otávio Marques Maciel Matusinhos, de 8 anos, portador da TEA. Ela conta que toda a família estava feliz e empolgada com o nascimento do primeiro filho, cheios de planos. Ela até deixou o emprego para se dedicar apenas ao primogênito, a alegria da casa. No entanto, quando o menino tinha 1 ano e 9 meses, percebeu sinais de que o menino não estava se desenvolvendo como outros da sua idade. Ele apresentava regressões na sua capacidade de falar, chorava muito, não interagia com as pessoas, ti-

nha problemas para dormir e não gostava de barulho. Com 1 ano e 11 meses, veio o diagnóstico: Otávio era autista. Receber a notícia não foi nada fácil para a família: “Num primeiro momento, ficamos sem chão, sem saber a quem recorrer”. No entanto, Juliana contou com o apoio dos familiares, e procurou a Apae para ajudar no desenvolvimento de Otávio: “O que era medo, insegurança começou a se transformar em esperança e o luto passou a ser luta. Sabíamos que o caminho era difícil, mas decidimos caminhar ao lado do Otávio”. Com outras mães, ela fundou a Aspaas – Associação dos Pais e Amigos dos Autistas e Síndromes. Para quem convive e cuida de alguém com TEA, o preconceito é uma constante. Juliana conta ser vítima de discriminação todos os dias, desde os olhares disfarçados de “dó” até às manifestações mais explícitas. Uma das situações vividas por Otávio aconteceu numa fila preferencial, e o garoto estava em crise. Uma pessoa disse à mãe que o menino estava “fazendo pirraça”, era saudável como qualquer outra criança e poderia aguardar, justamente uma das dificuldades do garoto. Mesmo assim, isso não a impede de continuar trabalhando para que mais pessoas conheçam a realidade sobre a condição: “Mas isso acontece por falta de conhecimento. Sinceramente, não me ofende diretamente, mas aumenta meu desejo de divulgar sobre o autismo”. Algumas crianças com o

transtorno possuem dificuldades de interação social, preferindo esperar para que as outras a chamem para uma brincadeira, por exemplo. Juliana enfatiza, no entanto, que os autistas não devem ser relegados à exclusão, pois isso os impediria de construir a capacidade de socialização: "Nem todo autista prefere viver isolado. Eles gostam de beijos e abraços, e principalmente, de amor". Otávio frequenta a Apae e também uma escola regular, onde aprimorou sua habilidade em enturmar-se, mas o encerramento presencial dos estabelecimentos de ensino por conta da Covid-19 acabou atrapalhando seu progresso, e os seu envolvimento com adultos é mais fácil que com outras crianças. Mas não pense que os autistas são pessoas limitadas. Otávio Matusinhos é descrito pela mãe como muito inteligente, dono de uma notória memória de longo prazo: “Em jogos desafiadores, como quebra-cabeças, ele cria estratégias de resolução de problemas, e é persistente até conseguir”. Para a comunidade, e em especial para aqueles que ainda desconhecem o que é o Transtorno do Espectro Autista, Juliana deixa um recado: “Não esperem ter algum parente autista na família para poder tentar entender um pouco sobre ele. Crie empatia e amor, mesmo não vivenciando na pele. Quando se deparar com uma mãe de autista seja empático e humano”.


9 a 15 de Abril a de 2021

6 Geral / Classificados

JORNAL A NOTÍCIA

Um ano na pandemia e 37 sem deixar de circular

1 IMÓVEIS Aluguel APTO na av. Castelo Branco, bairro República, c/2 qtos (sendo 1 suíte), sala, banheiro social, cozinha c/armário, área de serviço, vaga de garagem. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ APTO na av. Getúlio Vargas, bairro Santa Bárbara, c/2 quartos. Tr. 3852-1030 _________________ APTO na av. Getúlio Vargas, em cima do Magazine Luiza, c/3 qtos (1 c/suíte), dependência. Bom p/ comércio. Tr. 98771-2900 _________________ APTO na rua Araxá, bairro Lourdes, c/2 qtos, sala, cozinha c/armário, banheiro social, área de serviço e 2 vagas de garagem. Tr. 38513596 PJ857 _________________ APTO na rua Guanabara, 253, apt.106, bairro República. C/2 qtos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. Tr. 3852-2048 _________________ APTO na rua Hamaceck, bairro Lucília, c/2 qtos, sala, cozinha, banheiro social, 1 vaga de garagem, elevador. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ APTO na rua Monte Santo, bairro Carneirinhos, c/3 qtos (1 suíte), banheiro social, sala conj. c/copa, cozinha, área de serviço, dependência c/ banheiro, 2 vagas de garagem. Tr. 99196-0171 _________________ APTO na rua Santa Mônica, bairro José Elói, c/2 qtos, sala, cozinha, banheiro, área de serviço. R$400,00. Tr. Carlos 98681-8835 _________________ APTO na rua São Lucas, nº 55, atrás do Via 2000, c/3 qtos, 2 vagas de garagem, área p/churrasco, quadra de peteca. Tr. 98771-2900 _________________ APTO no bairro Alvorada, c/3 qtos (suíte), sala p/2 ambientes, banheiro social, cozinha, área de serviço e garagem. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ APTO no bairro Vale do Sol, rua Dona Clara, bloco 19, apt. 102, c/2 qtos, sala, cozinha e banheiro. Tr. Genivaldo 99589-0930 _________________ APTO no bairro Vale do Sol, c/3 qtos, sala, cozinha, área de serviço, banheiro social e garagem. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ BARRACÃO na rua Richard, nº 40, fundo com av. Getúlio Vargas 4.375, c/100m² livre, s/divisória, 2 banheiros. Tr. 98771-2900 _________________ CASA na rua Santa Mônica, bairro José Elói, c/sala, 2

cada pela Covid, mas segue firme com seu propósito de informar, no momento mais desafiador do país. Os canais de informação do A Notícia têm produzido conteúdo como nunca. São matérias atuais, notícias constantes no site e redes sociais, que têm recordes de acesso e repercussão em meio à opinião pública. Ainda assim, às sextas-feiras, a versão impressa segue à disposição dos leitores em mais de 40 pontos de

qtos, cozinha, banheiro, área de serviço. R$400,00. Tr. Carlos (31) 98681-8835 _________________ CASA no bairro República, c/3 dormitórios, sem garagem, ótima localização. Tr. Luzia 3852-4190/98010-4190 _________________ LOJA na av. Alberto Lima, 1977. Tr. 99918-5050 _________________ LOJA na av. Wilson Alvarenga, bairro Carneirinhos, c/ aprox. 50m² c/sobreloja, 1 banheiro. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ LOJA no bairro Santa Bárbara, c/aprox. 60m², banheiro. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ QUITINETE atrás do EPA. Tr. 99781-4345/99602-6759 _________________ QUITINETE na av. Getúlio Vargas, bairro Carneirinhos, c/1 qto, cozinha, banheiro. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ QUITINETE na av. Getúlio Vargas, c/1 qto, sala, cozinha e banheiro social. Tr. 38515121 PJ3637 _________________ QUITINETE na rua Mumbica, bairro José Elói. Tr. Luzia 3852-4190/98010-4190 _________________ QUITINETE na rua Olinda Dias Fernandes, bairro Santa Bárbara. Tr. Luzia 38524190/98010-4190 _________________ QUITINETES (novas) na av. Getúlio Vargas, nº 4.375, bairro Carneirinhos. Tr. 987712900 _________________ QUITINETES (novas) na rua do Andrade, bairro José Elói, c/garagem. Tr. 38524190/98010-4190 _________________ QUITINETES (novas) nos bairros Rosário e José Elói. Tr. 3852-4190/98010-4190 _________________ RESTAURANTE montado, onde funcionava o Buteco da Vila, em frente à Funcec. Tr. 98771-2900 _________________ SALA na av. Wilson Alvarenga, c/banheiro e área de 35m². Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ SALA na av. Wilson Alvarenga, no edifício São Gonçalo. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ SALA na av. Wilson Alvarenga, bairro Carneirinhos, c/ aprox. 50 metros, banheiro, garagem e elevador. Tr. 38513596 PJ857

2 IMÓVEIS Compra e Venda APTO na rua Etelvino Rocha, bairro Vale do Sol, c/3 qtos (sendo 2 c/móveis planejados), banheiro, cozinha planejada, uma vaga na garagem. Tr. Mauro 99946-9636 _________________

APTO na rua Gomes Batista, 639, apt. 202, bairro Lourdes, c/2 qtos (c/armários), sala, cozinha, banheiro, área de serviço, 1 vaga de garagem. Tr. 98510-1759/98201-0840 _________________ APTO na rua Guanabara, nº 209, bairro República, c/2 qtos, 2 banheiros, área de tanque e garagem. Tr. 997814345 _________________ APTO no bairro Alvorada, c/3 qtos (sendo 1 suíte c/varanda), sala de estar conj. c/sala de jantar, banheiro social, cozinha, área de serviço, 2 vagas livres de garagem. Localização privilegiada, próximo ao centro comercial, 2 elevadores e amplo salão de festas, aquecedor solar no chuveiro. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ APTO no bairro Teresópolis, c/2 qtos, sala de visita p/2 ambientes, cozinha planejada, banheiro social completo c/ armário e box blindex, área externa c/chuveirão e lavanderia, garagem independente p/2 carros. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ APTO no bairro Vale do Sol, c/3 qtos, sala, cozinha, área de serviço, banheiro social e garagem. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ ÁREA no bairro Nova Esperança, c/aprox. 5.393,50m², c/23 metros de frente, 60,40 metros de fundo, 109,40 metros pela direita e 137 metros pela esquerda. Área possui 3 casas. C/escritura e registro. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ CASA em Jacaraípe (ES), rua Belo Horizonte, c/3 qtos, sala, cozinha, banheiro, garagem. Tr. (31) 98695-6608 _________________ CASA em São Gonçalo do Rio Abaixo, c/2 qtos, toda murada. Aceita-se carro. R$120 mil. Tr. 97510-2426/99607-9699 _________________ CASA na av. Isaac Cassimiro Gomes, nº 1667, Loanda. Tr. 3850-8405/98011-3482 _________________ CASA na av. W3, nº 125, bairro Loanda, c/3 qtos, sala, copa, cozinha, banheiro, área. Tr. Maria Francisca 38510793/99149-8115 _________________ CASA na rua Palmeiras, 178, bairro Alvorada, c/510m², 8 qts, 3 salas, 6 banheiros, sendo 3 suítes. Garagem p/2 carros. Área livre no lote de 150m². Aceita-se troca por apartamento em Monlevade ou Belo Horizonte, ou lote. Tr. 98765-2269 _________________ CASA no bairro Loanda, c/3 qtos (sendo 1 suíte), sala de visita, banheiro social, sala de jantar, cozinha planejada, área de serviço, varanda, quintal, 2 vagas de garagem. Tr. 38513596 PJ857 _________________ CASA no bairro Paineiras, c/ área de 307m² e lote 388m², sendo frente de 14m e fundos área verde c/42m². Tr. 38515121 PJ3637 _________________ CASA no bairro República, c/4 qtos (sendo 1 c/suíte e 2 c/armários planejados), cozinha grande, varanda, área de lavanderia no terraço, piscina e sauna. Dependência p/em-

venda e entregue nas casas dos assinantes fieis, que não abrem mão de receber o jornal, logo cedo, no conforto de casa. “Quando chega o A Notícia, todos correm para ler. O jornal que não se vende, mas que você paga para ler”, informa o jingle comemorativo do A Notícia, que está sendo executado na Rádio Alternativa 1 FM. Você também confere um vídeo clipe nas redes sociais do jornal. Fazer jornalismo no interior sem-

pregada c/banheiro, garagem p/3 carros. Tr. 98674-4388 _________________ CASA/GALPÃO no bairro Nossa Senhora da Conceição, área construída c/aprox. 327m², 2 lotes c/área total de 600m². Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ CHÁCARA em Bom Jesus do Amparo, Lago Azul, antigo Morro Redondo. C/7 qtos, 3 banheiros, 2000m². Tr. 996266721/99853-5985 _________________ CHÁCARA no bairro Boa Vista, c/casa, 1200m². Tr. 98704-0531 _________________ CHÁCARAS (4) de 5 mil metros cada em São Gonçalo do Rio Abaixo, perto da Porteira Amarela. Valor a combinar. Aceita-se carro. Tr. 38510102/98962-0102 _________________ COBERTURA no bairro Lourdes, c/3 qtos (sendo 1 suíte c/hidro, todos planejados) sala, banheiro social, cozinha planejada c/coifa, fogão cooktop. Parte de cima c/1 qto, adega, área gourmet c/armários, churrasqueira, área externa c/chuveirão, banheiro, 2 vagas de garagem e 1 box de despejo. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ LOJA, sobreloja e quintal na av. Alberto Lima, 1977. Área total de 714m². Tr. 99918-5050 _________________ LOTE na rua Castanheiras, bairro Sion, c/360m². Tr. 98758-0195 _________________ LOTE na rua Emílio Gonçalves, bairro Cruzeiro Celeste. R$65 mil. Aceita-se carro ou moto novos. Tr. Antônio 38525189/99808-3598/987049455 _________________ LOTE na rua Trinta, bairro Loanda, c/360 m². Tr. 987455636 _________________ LOTE no bairro Cidade Nova, urbanizado, c/360m². Tr. 98758-0195 _________________ LOTE no bairro Cidade Nova, c/390m², na rua 38, quadra 19. R$100 mil. Tr. 98912-9665 _________________ LOTE no bairro Metalúrgico. Tr. c/Edna ou Daniel 38510102 _________________ LOTE no loteamento Parques do Vale, ao lado da Lagoa Silvana, em Ipatinga, c/área total de 376m², em área residencial. C/escritura. R$120.000,00. Somente interessados. Tr. José Luiz (31) 99963-0778 _________________ LOTES (2) no bairro Aclimação. Medindo aprox. 510 m² cada um. R$450.000,00 cada. Em bairro residencial. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ LOTES no bairro Sion, c/ área de 360m². Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ PONTO COMERCIAL na av. Alberto Lima, nº1977, loja, sub loja e quintal. Área 714m². Tr. 99918-5050 _________________ PRÉDIO de 3 andares na av. Cândido Dias, bairro Loanda, nº1513 (possui 3 aluguéis). Tr. Edmilson 97501-8265 _________________ QUITINETE em Carneiri-

pre foi um desafio para o Jornal A Notícia, que, ao longo dos 37 anos, superou crises, venceu adversidades e perseguições, inovou o mercado e se tornou o preferido na opinião dos leitores, em todas a pesquisas de opinião. Na pandemia da Covid, o jornalismo profissional, que apura fatos, que defende a verdade e luta contra achismos e a desinformação, torna-se cada vez mais essencial. As fake news

nhos, c/suíte planejada, sala, cozinha planejada conj. c/ área de serviço, Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ QUITINETE toda mobiliada no bairro Rosário, rua Angelina Ponce Martins, c/quarto, sala, cozinha, banheiro, c/52m². R$160 mil. Tr. 987218650 _________________ TERRENO c/7 hectares, casa colonial, ou chácaras. Na região de Abre Campo. Aceita-se troca no negócio. Tr. c/Edna ou Daniel 3851-0102 _________________ TERRENO em São Gonçalo do Rio Abaixo, c/2,5 hectares c/muita água de nascente. Tr. 97510-2426/99607-9699 _________________ TERRENO na rua Magalhães Pinto, bairro Cruzeiro Celeste, c/6.300m². R$600 mil. Tr. Antônio 3852-5189/998083598/98704-9455 _________________ TERRENO no bairro José Elói, c/190m². R$45 mil. Aceita-se moto ou carro de menor valor como parte do pagamento. Tr. 98721-8650

3

VEÍCULOS VENDE-SE Fiat Punto Sporting, 1.8, 2015/2016. 2º dono. Tr. (31) 99233-5021

existem no mundo todo e em Monlevade não é diferente. A Notícia luta contra elas porque sabe o valor que a informação de qualidade tem. Você pode ajudar a acabar com as notícias falsas, confiando em fontes oficiais, não compartilhando notícias duvidosas e acompanhando as edições impressas às sextas-feiras e diarimente no site www.anoticiaregional.com.br, no Facebook, Instagram e Twitter do A Notícia.

fissional; uma serra tico-tico Bosch. Tudo por 7 parcelas de R$500,00 no cartão. Tr. Willian 3852-2719

4

5

DIVERSOS VENDE-SE esterco. Tr. 99530-0471/3852-2474 _________________ VENDEM-SE areia e brita. Tr. Rogério 98608-0943 _________________ VENDEM-SE uma serra circular de bancada c/gabinete Dewalt 745, 220 volts; 10 serras de reserva; um esmeril c/ amolador de serra e broca; uma furadeira Bosch pro-

98681-3393 _________________ OFERECE-SE para trabalhar como pedreiro de alvenaria e acabamento. C/referência. Tr. 99921-1657 _________________ REALIZA-SE serviço de demolição em geral e limpeza. Tr. Adriano 98721-8650

SERVIÇOS INVESTIGADOR particular c/10 anos de experiência. Tr. 99555-9153 _________________ OFERECE-SE para trabalhar como pedreiro. Serviços de alvenaria, lajes, ferragens, construção, acabamento. Tr.

EDITAL DE ADIAMENTO - ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA

WWW.ANOTICIAREGIONAL.COM.BR

O jornal A Notícia completa, na próxima terça-feira (13), 37 anos de circulação ininterrupta. O momento não é para comemorações, mas não pode deixar de ser registrado. Mesmo há mais de um ano na pandemia do novo coronavírus, o A Notícia honra seu compromisso de não deixar de circular, em sua versão impressa, todas as sextas-feiras, desde 13 de abril de 1984. Como todas as empresas, o Jornal também foi afetado pela crise provo-

COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MÚTUO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS EM JOÃO MONLEVADE LTDA. - COPREMON CNPJ: 18.310.649/0001-74 Ɩ NIRE: 31400010491

A Presidente do Conselho de Administração da Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Servidores Públicos Municipais em João Monlevade Ltda. COPREMON, no uso das atribuições estatutárias e regimentais, vem pelo presente informar o ADIAMENTO da Assembleia Geral Ordinária (AGO) originalmente convocada para se realizar no dia 09 (nove) de abril de 2021, às 15:00 (quinze) horas, em primeira convocação; às 16:00 (dezesseis) horas, em segunda convocação; e às 17:00 (dezessete) horas, em terceirae última convocação;conforme edital de convocação publicado no dia 26/03/2021, no Jornal A Notícia, em razão da classificação da cidade de João Monlevade como na Onda Roxa do Programa Minas Consciente, bem como demais recomendações das autoridades competentes. Quando da designação da nova data para a realização da Assembleia Geral, tal ato será comunicado a todos os cooperados na forma da lei. João Monlevade, 01 de abril de 2021. Maria Goretti Cota Martins Presidente do Conselho de Administração da COPREMON

Faz saber que pretendem se casar: REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL ESTADO DE MINAS GERAIS Registro Civil das Pessoas Naturais Oficial Titular: Rosa Maria Bedetti Frade Tavares Rua Brasília, n. 91, Lucília 35930-010 - João Monlevade - MG Edital de Fora - ÁLBERT MAGNO COSTA SOUZA, maior, Autônomo, residência Rua Gomes Batista, nº 224, Nossa Senhora da Conceição, João Monlevade-MG, filho(a) de MAGNO ANTÔNIO DE SOUZA e SIRLEY MARIA COSTA DE SOUZA; e JÉSSICA PACHECO DE FREITAS, maior, Autônoma, residência Rua Dezoito, nº 55, Sylvio Pereira II, Coronel Fabriciano-MG, filho(a) de WILSON APARECIDO DE FREITAS e MARIA CÉLIA PACHECO DE FREITAS; 020207 - BRENO JÚNIO SANTIAGO FARIA, maior, Supervisor de atendimento, residência Av. Getúlio Vargas, 6081, Santa Bárbara, João Monlevade-MG, filho(a) de SIDÊNI ESTEVÃO DE FARIA e GERALDA MARIA SANTIAGO DE FARIA; e GLÁUCIA APARECIDA SOUZA FARIA, maior, Balconista, residência Rua Barão de Cocais, nº 1100, Apto 102, Bloco 1, Nova Esperança, João Monlevade-MG, filho(a) de EDIMAR JORGE DE FARIA e MARIA APARECIDA DE SOUZA FARIA; 020208 - ROGÉRIO DOS SANTOS EMILIANO, maior, Autônomo, residência Rua Francisco de Morais Silva, 141, Tanquinho I, João Monlevade-MG, filho(a) de JOSÉ GERALDO EMILIANO e RITA APARECIDA DOS SANTOS; e AMANDA AUGUSTO DA CUNHA, maior, Técnica em Enfermagem, residência Rua Bahia, 574, Tanquinho I, João Monlevade-MG, filho(a) de JOÃO BATISTA DA CUNHA e MARIA LUZIA AUGUSTO DA CUNHA; 020209 - MÁRIO SEVERIANO BRAGA, maior, Motorista, residência Rua Caetes, 291, Cruzeiro Celeste, João Monlevade-MG, filho(a) de MILTHON PEIXOTO BRAGA e ANA MARIA QUARESMA BRAGA; e JULIANA DOS SANTOS LAURIANO, maior, Técnica em Segurança do Trabalho, residência Rua Caetes, 291, Cruzeiro Celeste, João Monlevade-MG, filho(a) de JOSÉ IRINEU LAURIANO e EFIGÊNIA DOS SANTOS LAURIANO; 020210 - THIAGO HENRIQUE MONTEIRO FIALHO, maior, Operador de Laminação Stelmor, residência Rua Maranhão, 361, Satélite, João Monlevade-MG, filho(a) de RÔMULO RODRIGUES FIALHO e ANDREIA MONTEIRO FIALHO; e DAIANA ARAÚJO MAFRA LEITE, maior, Recepcionista, residência Rua Grécia, 458, Petrópolis, João Monlevade-MG, filho(a) de JOÃO BOSCO ARAÚJO MAFRA e ERLÂNIA APARECIDA LEITE MAFRA; 020211 - RAFAEL MAYRINK NUNES, maior, Vendedor, residência Rua São Bernardino, nº 763, Apto 201, Bloco 22, Serra, João Monlevade-MG, filho(a) de JORGE LUIZ NUNES e VIVIANE MAYRINK SOARES NUNES; e HAYANE PAULA DE SOUZA, maior, Auxiliar Saúde Bucal, residência Rua São Bernardino, nº 763, Apto 201, Bloco 22, Serra, João Monlevade-MG, filho(a) de PAULO LUIZ DE SOUZA e MARLI DA SILVA FERREIRA DE SOUZA; 020212 - JÚLIO SANTOS SILVA, maior, Açougueiro, residência Rua Paraíba, 63, José Elói, João Monlevade-MG, filho(a) de MILTON ANTÔNIO DA SILVA e SANDRA BAZILICA DOS SANTOS SILVA; e JÉSSICA RAYANE GONÇALVES DA COSTA, maior, Atendente, residência Rua Planalto, 119, Belmonte, João Monlevade-MG, filho(a) de ADILSON ANICETO DA COSTA e ROSANE GONÇALVES DA COSTA; 020213 - JÚNIO ANACLETO DOS SANTOS, maior, Autônomo, residência Rua Campo Verde, nº 36, Apto 202, Campo Alegre, João Monlevade-MG, filho(a) de EDSON ANACLETO SANTOS e INÊS MARIA DOS SANTOS; e MARIA TEREZA MAGALHÃES BUENO TAVEIRA, maior, Técnica em Meio Ambiente e Segurança do Trabalho, residência Rua Campo Verde, nº 36, Apto 202, Campo Alegre, João Monlevade-MG, filho(a) de ORLANDO DE FÁTIMA TAVEIRA e INEZ MAGALHÃES BUENO TAVEIRA; 020214 - GUILHERME CARLOS LUZ GOMES, maior, Emprendedor, residência Rua Olinda Dias Fernandes, nº 371, Santa Bárbara, João Monlevade-MG, filho(a) de JOSÉ CARLOS GOMES e MARIA APARECIDA LUZ GOMES; e SELLENE GANDRA MARQUES, maior, Professora, residência Rua Bom Jesus do Galho, nº 665, Belmonte, João Monlevade-MG, filho(a) de LUIZ CARLOS MARQUES e MIRIAN APARECIDA GANDRA MARQUES;

Os contraentes apresentaram os documentos exigidos pelo art.1525 do Código Civil Brasileiro. Se alguém souber de algum impedimento, que os impeçam de se casar, que o faça na forma da Lei: João Monlevade 08/04/2021 ROSA MARIA BEDETTI FRADE TAVARES Oficial do Registro Civil Cartosoft - Automação de Cartórios do Registro Civil | www.cartosoft.com.br


Polícia 7

9 a 15 de Abril a de 2021

FEMINICÍDIO EM SÃO GONÇALO DO RIO ABAIXO

Suspeito de matar ex-companheira no Domingo de Páscoa é preso A Polícia Civil prendeu ontem (8), em Santa Bárbara, o suspeito de ter matado a ex-companheira no domingo de Páscoa (5), em São Gonçalo do Rio Abaixo. Conforme a Polícia Militar, por volta das 11h, o autor encontrou a ex-mulher em um ponto de ônibus. Após acusá-la de tê-lo traído, ele sacou uma arma de fogo e atirou duas vezes na direção da mulher, acertando seu abdome. A vítima

chegou a ser socorrida em Itabira, mas não resistiu. As investigações logo foram iniciadas e apuraram que o casal manteve um relacionamento por 17 anos, mas estavam separados há dois. O crime teria sido motivado por ciúmes. Com elementos sólidos, a prisão temporária foi concedida e efetuada pelos policiais civis. O suspeito do feminicídio está

preso e à disposição da Justiça.

AJUDA Mulheres que estejam sentindo-se ameaçadas ou são vítimas de violência doméstica, devem usar o disque 180 para as denúncias de abuso e casos de agressões. O 190, da Polícia Militar, deve ser usado em situação de emergências.

PM usa aeronave e detém cinco por assaltar sítio em Barão de Cocais

Divulgação/PMMG

NA FUGA, bandidos capotaram Fiat Linea, mas foram capturados

Um assalto na zona rural de Barão de Cocais terminou com cinco homens presos na terça-feira (6). Por volta das 8h30, o proprietário de um sítio no bairro Chácara II foi rendido e imobilizado dentro de sua residência, enquanto os marginais levavam vários pertences, incluindo um Fiat Linea e um Chevrolet Tracker, este ainda sem placas, fugindo em seguida.

A Polícia Militar foi acionada e logo montou uma operação de cerco e bloqueio da área, que contou com uma aeronave Pégasus. Participaram policiais de Barão de Cocais, São Gonçalo do Rio Abaixo e Itabira, numa ação chefiada pelo comandante do 26º Batalhão, tenente-coronel Charles Clemencius Diniz Teixeira. Uma equipe da Polícia Militar Rodoviária (PMRv)

viu o Fiat Linea trafegando, mas o perdeu de vista. Pouco depois, os militares encontraram o mesmo veículo, agora capotado em uma ribanceira na localidade dos Bambas, em São Gonçalo do Rio Abaixo. Dois dos criminosos conseguiram correr, enquanto o terceiro, com uma fratura na perna, foi detido. A perseguição aos assaltantes continuou, e outros dois foram vistos do ar fugindo na carroceria de um caminhão que passava por uma estrada vicinal. Quando perceberam a presença da aeronave policial, os marginais tentaram esconder-se num pasto, mas logo foram alcançados e capturados; um deles portava uma arma de fogo. Eles foram levados para a Delegacia de Polícia Civil de Itabira. O Chevrolet Tracker e todos os outros objetos furtados foram recuperados.

Divulgação/PCMG

SUSPEITO foi preso em Santa Bárbara

Pneu de ônibus prensa pé de mulher no Loanda Uma senhora teve o pé esmagado na manhã da última quarta-feira (7) no bairro Loanda, em João Monlevade. De acordo com gravações de circuitos de segurança divulgadas nas

redes sociais, ela descia pela porta traseira de um ônibus do transporte coletivo na avenida Armando Fajardo. Antes que ela conseguisse afastar-se do veículo, ele arrancou, passando por so-

bre o seu pé direito, que ficou severamente ferido. Ela chegou a cair sobre o asfalto. Uma equipe do Serviço Voluntário de Emergência (Sevor) prestou os primeiros atendimentos.

Presente de aniversário

Mototaxista é assaltado durante corrida no Cruzeiro Celeste Um mototaxista teve o seu veículo roubado na quarta-feira (7) em João Monlevade. No fim da tarde, o profissional, de 52 anos, deixou uma passageira na rua Bélgica, no bairro Cruzeiro Celeste, quando um homem moreno o chamou e pediu uma corrida até à Universidade Fe-

deral de Ouro Preto (Ufop), no bairro Vera Cruz. O motociclista atendeu ao pedido e ambos iniciaram a viagem. No entanto, ao passarem pela rua Passarela, ainda no Cruzeiro Celeste, o passageiro pediu para parar, pois precisava conversar com sua esposa.

Quando ele desceu do veículo, o mototaxista foi surpreendido pelo assaltante, que trazia uma arma de fogo. Ele fugiu com a motocicleta em direção à rua Caetés. A Polícia Militar foi acionada e iniciou a busca pela moto e pelo ladrão.

Assaltante de hotel é preso em floricultura

Divulgação/PMMG

dados, um deles subitamente sacou uma arma e atirou mais de uma vez na direção dos militares, que revidaram. Ninguém foi atingido. Os suspeitos correram, e um deles invadiu uma floricultura para se esconder. As equipes policiais não desistiram de procurar até encontrá-lo entre as plantas. O assaltante, de

23 anos, assumiu a autoria do roubo ao hotel e indicou o lugar onde estariam os R$379,00 e um telefone celular, imediatamente apreendidos. Ele e o material foram levados à Delegacia de Polícia Civil. A Polícia Militar mantém as buscas pelo segundo ladrão.

Os policiais militares de São Domingos do Prata receberam, na segunda-feira (5), a visita do pequeno aniversariante Pedro. Fardado, ele

pediu para tirar uma fotografia com os militares da unidade como presente de aniversário e foi prontamente atendido.

PM apreende menor com maconha no José de Alencar Um menor foi preso na noite de segunda-feira (5) no bairro José de Alencar em Monlevade. Por volta das 19h30, a Polícia Militar recebeu uma denúncia de uma mulher que não quis se identificar, que apontou

MARGINAIS roubaram dinheiro e um celular do hotel

Um ladrão foi preso na noite de segunda-feira (5) por assaltar um hotel em João Monlevade. Por volta das 23h20, a Polícia Militar foi acionada após uma dupla assaltar o hotel Recanto, no bairro Teresópolis. As buscas logo foram montadas, e os policiais encontraram quatro homens em atitude suspeita. Antes que fossem abor-

Divulgação/PMMG

que um adolescente, morador da rua Joaquim Paulo Roberto, fingiria vender chocolate para traficar tóxicos. Chegando ao imóvel, os policiais foram recebidos pela mãe do denunciado. As buscas

revelaram três porções de maconha e sacolas plásticas dentro de uma gaveta. O jovem, de 17 anos, confessou que as embalagens acondicionariam o entorpecente, sendo imediatamente apreendido.


9 a 15 de Abril a de 2021

8 Geral

O HOSPITAL MARGARIDA VEM A PÚBLICO AGRADECER AS PARCERIAS QUE ESTÃO CONTRIBUINDO PARA CONTINUARMOS O ENFRENTAMENTO AO COVID 19 Agradecemos a Arcelor Mittal, Prefeitura e Câmara Municipal de João Monlevade que, mais uma vez se mostraram sensibilizadas e não estão medindo esforços para que o hospital garanta os atendimentos aos cidadãos. As ações de apoio no custeio de 10 leitos de emergência, por três meses, além da doação de cateteres de alto fluxo e modernização do sistema de 10 respiradores feita pela Arcelor Mittal contribuíram, juntamente com o empréstimo de profissionais pela Prefeitura e o seu intermédio junto ao Ministério da Saúde para o envio de mais cinco respiradores, para o fortalecimento da nossa estrutura de atendimento. Todas essas medidas, unidas à nossa inabalável equipe de colaboradores, o apoio das prefeituras da região, a força e contribuição dos cidadãos monlevadenses, têm feito com que nossa missão esteja alcançando bons resultados. Estamos fazendo a nossa parte e conclamamos a todos a também fazerem a sua, diminuindo os casos, com as medidas necessárias:

- ISOLAMENTO SOCIAL; USO DE MÁSCARAS; ÁLCOOL GEL. LL..

José Alberto Grijó Provedor do Hospital Margarida ente de Pauloo de João Joã Monlevade – MG Associação São Vicente

Alber ber eerr to Ne epomuc Carloss Alberto Nepomuceno Vic ce Preside dente Vice-Presidente Associação São Vicente de Paulo de João Monlevade – MG

$POGPSNFEFDSFUP

 DPOUJOVBSFNPTDPNBMPKBGFDIBEB NBT

DPN

BUFOEJNFOUPPOMJOF

WJB8IBUT"QQ *OTUBHSBNFUFMFGPOF

 $POUJOVBSFNPTOPTDVJEBOEP

&MPHP UVEPQBTTBS FOŸPGBMUBSŸPNPUJWPTQBSB

DFMFCSBSBWJEB &QBSBTFQMBOFKBSBRVFMFEJBFTQFDJBM EP$BTBNFOUP BOJWFSTSJP 'PSNBUVSB 

DPOUFNDPOPTDP "HFOEBEFKBCFSUB QBSBPTFWFOUPTQPSWJS 

XXXGFTUBTQSBUJDBTDPNCS

"W$BTUFMP#SBODP  3FQ¶CMJDB+.

(31) 3851-5409 Avenida Wilson Alvarenga, 675, Carneirinhos, João Monlevade

Dr. José Nelson Fagundes CRM - MG 6084 Médico Patologista Clínico Medicina Laboratorial Título SBPC/ML

Dr. Tales Alvarenga Fagundes CRM - MG 33120 Médico Patologista Clínico Título SBPC/ML Médico Endocrinologista Título SBEM

Dr. Tiago Alvarenga Fagundes CRM - MG 38200 Médico Endocrinologista Título SBEM

Profile for jan regional

Edição 2628  

Edição 2628  

Advertisement

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded