__MAIN_TEXT__

Page 1

'HVGH_ Ano 37

4XHPOrVDEHRTXHGL]

ZZZDQRWLFLDUHJLRQDOFRPEU

20 a 26 de novembro de 2020

)XQGDGRU0iUFLR3DVVRV

Edição 2609 5

LaÊrcio quer prioridade para povo excluído PREFEITO ELEITO DISSE QUE FARà AUDITORIA NO DAE E NAS OBRAS FEITAS COM RECURSOS DE EMPRÉSTIMOS

Samantha faz histĂłria em Bela Vista

Julieta Bittencourt

LAÉRCIO RIBEIRO E FABR�CIO LOPES foram eleitos no último domingo e assumem a Prefeitura a partir de Janeiro de 2021

A NotĂ­cia entrevistou o prefeito eleito de JoĂŁo Monlevade, LaĂŠrcio Ribeiro (PT), que volta ao cargo vinte anos apĂłs terminar o seu primeiro mandato. O prefeito jĂĄ anuncia que farĂĄ auditoria em alguns setores e destaca o

Departamento de Ă guas e Esgotos (DAE). Para ele, o monlevadense votou na mudança. “Vamos fazer um governo inovador com o auxĂ­lio das novas tecnologias, mas com o povo mais excluĂ­do como prioridadeâ€?, afirma. La-

Êrcio ainda defende mais representação da comunidade no Conselho da Associação São Vicente de Paulo (ASVP), mantenedora do Hospital Margarida. Para ele, a casa de saúde Ê apartidåria e pertence aos monlevadenses, não

a um grupo polĂ­tico. Confira a entrevista na Ă­ntegra na pĂĄgina 3

Pela primeira vez na história, Bela Vista de Minas serå governada por mulheres. Após uma disputa acirrada, Samantha Aparecida de à vila Costa Magalhães, a Samantha Enfermeira (PSDB), e a vice, Rosilane Taveira Basílio, a Rode (DEM), venceram a eleição por uma diferença de 91 votos. Ela Ê a única mulher eleita para o cargo de chefe do Executivo nas cidades da região. Pågina 9.

Reprodução

SIMONE É DERROTADA EM TODAS AS SEÇÕES Pà G. 5

2**§0 &+1"&/,!" 6DERQHWH 'RYH

5

2609.indd 1

3URWHWRU6RODU 0D[VRO

5

)5,'$<

20/11/2020 08:07:12


20 a 26 de novembro de 2020

2 Opinião

EDITORIAL

Monlevade espera o melhor

O prefeito eleito, Laércio Ribeiro, retorna ao cargo máximo da política monlevadense exatamente 20 anos após tê-lo deixado. Em 2000, o então prefeito tentou a reeleição, mas saiu derrotado para Carlos Moreira. Agora, passadas duas décadas, o ex-prefeito derrota a esposa de Moreira e atual prefeita, Simone Carvalho (PTB). São as voltas que o mundo dá e que, na política, são certeiras como o ponteiro do relógio marcando o passar do tempo. A vitória de Laércio não foi apenas contra Simone. Mas contra um grupo e um jeito de fazer política do qual o monlevadense quer distância. Afinal, todos sabem que o comando efetivo do município ficava nas mãos de Carlos Moreira, quem de fato, tomava as decisões e os rumos da cidade. A resposta do povo foi tão clara que o combativo Sinval Dias, a cara do governo na Câmara,

CHARGE

perdeu nas urnas pela primeira vez, vinte e quatro anos após entrar para a vida pública. Sinval foi eleito pela primeira vez na mesma eleição que deu a vitória a Laércio em 1996. Agora, sob a mesma volta do relógio do tempo, Sinval está fora e Laércio vai governar a cidade mais uma vez. Fato inconteste é que o monloevadense anseia por mudanças. E o desejo é forte em diversas áreas: Saúde, Educação, Trânsito, Cultura, Segurança Pública, gestão... São muitos os motivos de descontentamento do cidadão. Cabe agora a Laércio e Fabrício governarem para todos e cumprirem o que se espera de fato dos governantes e governem, de fato, Juntos por Monlevade, assim como o nome da coligação vitoriosa. A cidade precisa avançar e o monlevadense merece uma vida melhor.

As urnas pediram mudanças

COXIA Andrea da Saúde

(*) ERIVELTON BRAZ Passadas as eleições, retomo à redação de temas políticos neste ção. Dos mais votados aos menos. Principalmente, pela coragem espaço, evitados aqui em virtude do meu trabalho como consultor deles em pedir o voto, de caminhar, de mostrar ideias e a que viede marketing e estratégia política nas campanhas de Marco Antô- ram. Com as urnas abertas, é fácil criticar, sagrar-se responsável nio Lage (PSB) em Itabira; Nozinho (PDT) em São Gonçalo do Rio pela conquista ou apontar os dedos para responsabilizar um ou Abaixo; Fernando Rolla (Avante), em São Domingos do Prata, Dori- outro pela derrota. Profetas do acontecido e palpiteiros são apenas nha da Farmácia (PDT) em Guanhães e Delci Couto (PSB) em João profetas do acontecido e palpiteiros. O recado das urnas foi claro: o povo quis mudanças na maioria Monlevade. A experiência nos ensina que perder ou ganhar uma eleição é das cidades da região. Seja para tirar os grupos que estão há anos no poder, seja pela esperança de dias melhores, com a o resultado de uma série de fatores. Alguns lógicos, eleição de ex-prefeitos que voltam aos cargos. Em João outros, imponderáveis. São particularidades, aconteMonlevade, a eleição de Dr. Laércio (PT) foi um sonoro cimentos inesperados, situações atípicas que levam o A esperança de “não” ao grupo que comanda a cidade desde 2013. eleitor a decidir votar em um candidato ou em outro. Além disso, ao médico e ex-prefeito, foi dada a Por isso, nenhuma campanha é igual. E quem acha dias melhores é a oportunidade de governar a cidade mais uma vez. O que entende tudo de política e que tem a fórmula invontade de todos Dr. Laércio de hoje, retorna à Prefeitura, exatamente falível para a vitória, na verdade, não sabe de nada. anos após tê-la deixado. Uma coisa é governar Campanhas políticas são como a vida: nem tudo sai os monlevadenses vinte a cidade aos 49 anos. Outra, aos 69. A experiência como planejado e precisamos aprender a contornar siensina e traz novos olhares. O novo prefeito terá a tuações que aparecem ao longo do caminho e tirar o oportunidade de revisar o que não deu certo em sua máximo de proveito delas. Vitória e derrota fazem parte do mesmo ciclo. Para ter um ven- gestão e melhorar ainda mais o que funcionou. A torcida é que a experiência dele, aliada à força de vontade e cedor, é preciso ter um perdedor. É do jogo. E, de tudo, tira-se lições. Tanto quanto se ganha e, principalmente, quando se perde. ao trabalho do vice Fabrício Lopes (Avante) transforme essa cidaA função do consultor é pensar, orientar, tomar decisões, avaliar de. João Monlevade precisa de uma renovação na forma de fazer riscos e apontar caminhos para tornar o candidato mais conhecido, política e o desejo dos eleitores foi justamente esse. A esperança de dias melhores é a vontade de todos os monlevadenses e realiapresentando propostas ao eleitor. A vitória nunca é prometida. É preciso respeitar todos os candidatos que disputam uma elei- zá-la deve vir sempre em primeiro lugar. (*) ERIVELTON BRAZ é editor do A Notícia e fundador da Rotha Assessoria em Comunicação

Para abalar a estrutura política (*) CHICO FRANCO A eleição terminada nesta semana não foi, para João MonlevaMoreira lançou mão de Conceição Winter para fugir do fracasde, a melhor de todas, mas foi a mais emocionante porque mexeu so, que terminou maior por ela, Conceição Winter, não ter qualcom os nervos de ricos, pobres, políticos ou não, o quer infiltração política na cidade, em razão de erros que culminou com o povo nas ruas, nas carreatas e infantis, principalmente, o alinhamento final com o portas das casas pedindo votos. Mas, no meu conCarlos Moreira, que ela mesma acusava de ter sido Mauri Torres, ceito, ela mexeu mais com as lideranças que sempre vítima dele quando ele prefeito e ela vice. No meu deram sustentabilidade ao processo. deverá romper com o entendimento, fim de carreira para os três: Carlos, Desta feita, segundo meu raciocínio, a estrutuSimone e Conceição. Além de alguns vereadores ex-prefeito e ra política do município será abalada. Acredito que como Sinval, Toninho Eletricista, Fabio da Proetel, o ex-deputado e presidente do Tribunal de Contas, amigo de décadas, Lelê do Fraga, entre outros. Mauri Torres, deverá romper com o ex-prefeito e amiEsperamos que os eleitos se juntem para dar ao Carlos Moreira go de décadas, Carlos Moreira, que foi o mais derronosso município aquilo que todos esperamos e que tado na eleição. Derrota que abraçou há muito mais se juntem também aos não eleitos para que a detempo, deixando a mulher dele como prefeita e ele mocracia seja parceira do nosso desenvolvimento prefeito de fato, adotando o jogo da força como poder político, social e cultural. São os nossos votos, prinde uma só voz, a dele, adquirindo da própria população uma rejei- cipalmente, para os que buscam servir nossa terra para que ela ção incalculável. seja mais humana e feliz. (*) CHICO FRANCO é jornalista aposentado

Carta ao prefeito e vice-prefeito eleitos (*) JOSÉ DAS GRAÇAS TEODORO Primeiramente, Laércio e Fabrício, parabéns pela nova trajetória esperança em tempos melhores para todos. E, por isso, eu gostaria na administração municipal, que se inicia desde já, a partir do resul- de convidar a todas e todos a refletirem a respeito do exercício da tado das urnas. Vocês têm agora a chance de promover a mudança democracia por meio do voto, que no modelo eleitoral de nosso país que se faz necessária na administração pública de nossa querida elege os prefeitos e vice-prefeitos por maioria. De modo que, a maioJoão Monlevade. Experiência vocês têm. Cabe, agora, demons- ria faz a escolha, mas governa-se para todos: aliados, opositores e, trá-la. Vocês são pessoas inteligentes, capazes e preparadas, além também, para aqueles que reservam para si o direito de não fazer de saberem que uma gestão comprometida e ética, sem dúvidas, é escolha alguma, anulando seus votos ou votando em branco. Indeo melhor caminho para fazer com que a história os reconheça como pendentemente do quadrante político ideológico e indepentemente da escolha nas urnas, todas e todos são cidadãos monlevadenses. bons gestores. Lembrem-se que prefeitura não é cabide de empregos e nem Todos devem ter seus direitos assegurados e suas necessidades atendidas, no que se referem às obrigações do lugar de troca de favores. Mas sim, um espaço município para com a população. E aqueles direique se constrói pelos eleitos e funcionários públitos mais básicos, como acesso a saúde, educação, cos, aprovados por mérito em concurso público e saneamento básico, moradia digna, cultura e lazer, que, ano após ano, ajudam a máquina funcionar. E Acredito, também, transporte coletivo de qualidade e com preço justo, claro, esse espaço, para ser construído, também que tanto aqueles que devem ser prioridade, sempre! abarca pessoas que são nomeadas temporariaNão posso deixar de mencionar os desafios que mente, sem vínculo de estabilidade com o serviço confiaram os votos a precisarão ser enfrentados, em função da crise sapúblico. O que atrapalha é quando pessoas, sem o vocês quanto aqueles nitária que assola, de maneira desigual, o mundo devido conhecimento técnico, são nomeadas para inteiro nesse momento. Neste sentido, desejo que ocupar esses cargos e passam a chefiar departaque não o fizeram, vocês tenham sabedoria e se orientem sempre pelo mentos e secretarias, os quais são, em sua totalicompartilham de conhecimento e pela ciência, que são os intrumendade, absolutamente necessários à boa administos apropriados para definir diretrizes e ações em tração. Necessitamos, pois, de bons profissionais, minha esperança em circusntâncias como esta. tecnicamente preparados, com trajetória formativa As experiências que vocês, Laércio e Fabrício, e participativa e que prezem pelos princípios da tempos melhores. trazem das gestões anteriores lhes darão a oporética e da boa administração para ocupar esses tunidade de mostrar o que sabem fazer de melhor! cargos. Sejam eles de chefia ou não. Como cidadão nascido, criado e estabelecido em É importante lembrar que o cargo comissioJoão Monlevade, torno público esse anseio. Maninado é, também, cargo demissionário. Pois o que festo, também, a esperança que tenho de testemufazem hoje é costurar transferência de cargos nos departamentos. O tal troca-troca. Acredito, porém, que a proposta nhar, ao longo da gestão de vocês, a justa distribuição e aplicação de de vocês é diferente. Acredito que vocês farão boas escolhas, para recursos, sempre orientada ao bem coletivo, primando pela defesa que as coisas funcionem da melhor maneira, qual seja: limpa, trans- dos mais vulneráveis, em diálogo com os setores que fazem girar a parente e coerente com a trajetória de ambos, na luta por uma cida- economia e, sempre, com muita ética, transparência e, claro, com participação do povo. de e uma sociedade melhores. Acredito, também, que tanto aqueles que confiaram os votos a Do amigo, José das Graças Teodoro vocês quanto aqueles que não o fizeram, compartilham de minha

Andrea da Saúde assume uma cadeira na Câmara após o pedido de impugnação de sua candidatura ter sido rejeitado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). O julgamento inicial terminou em empate (um contra e um a favor) enquanto um terceiro juiz pediu vistas. Após a vitória nas urnas no dia 15, o julgamento foi realizado na última quarta-feira (18). Em sessão nesta semana, Andrea também venceu no TRE.

Será? Será que se a ex-secretária de Saúde tivesse perdido as eleições, ela teria a impugnação confirmada pelo Tribunal? Única mulher a chegar ao Legislativo, Andrea terá a missão de ser oposição ao próximo prefeito, já que dos eleitos ela é mais próxima do ex-prefeito Carlos Moreira e do seu grupo.

Sorriso Chama atenção no julgamento de Andrea que o juiz que pediu vistas do caso, sorri após o voto do presidente da sessão que livrou Andrea da impugnação. O vídeo da audiência está circulando em diversos grupos e é, no mínimo estranha, essa situação. Afinal, a deusa da Justiça tem uma venda nos olhos contra a parcialidade.

Derrota A amarga derrota de Simone nas urnas, mesmo com 300 cargos comissionados, pressão, uso da máquina pública, uso de poder econômico, dezenas de candidatos a vereador é a derrota de um sistema. Ela perdeu em todas as sessões eleitorais, inclusive. O grupo Moreira/Torres sai enfraquecido diante do desejo do povo pela mudança. Vão ter que se reinventar.

Perderam Além da derrota em Monlevade, o grupo comandado por Mauri Torres perde sua força ainda em Itabira e em São Gonçalo do Rio Abaixo, as três cidades eixos da região, com mais receita e posição estratégica. E perderam nas três cidades com máquina administrativa nas mãos e com a ajuda de grupos econômicos. O povo se cansou da velha política.

Vencedores Em Monlevade venceu Laércio (PT), em São Gonçalo, venceu Nozinho (PDT) e em Itabira, venceu Marco Antônio Lage (PSB). Os dois primeiros já foram prefeitos das cidades e são opositores do grupo de Torres. O terceiro vem da iniciativa privada e com discurso de renovação. Venceram e venceram

muito bem, deixando os candidatos de Mauri bem atrás. O povo não é bobo.

Nozinho Nozinho venceu em São Gonçalo com uma das maiores diferenças para a segunda colocada: 70% dos votos. É muito voto e uma vitória acachapante. O resultado das urnas confirmou o resultado de pesquisa feita no município na semana da eleição e que o grupo da candidata derrotada tentou impedir a sua divulgação na justiça. O recado veio das urnas.

Distante O prefeito Antônio Carlos Noronha Bicalho (PDT), de São Gonçalo do Rio Abaixo, não colocou a cara na campanha eleitoral da sucessora de seu grupo, Luciana Bicalho. O distanciamento estratégico era para descolar a imagem da candidata como substituta de Antônio. Chama a atenção é que todas as pesquisas apontam boa aprovação do prefeito, que é uma das maiores da região.

Fora Sinval e Guilherme Nasser, dois vereadores de peso, ficaram fora da nova Câmara. O primeiro deixa o cargo após 24 anos e o segundo, após 12. A derrota dos dois surpreendeu, já que são muito conhecidos na cidade e têm papel de destaque no Legislativo. O povo decidiu que eles ficassem de fora.

Sinval Defensor de Carlos Moreira e Mauri Torres, Sinval Dias passou duas décadas na Câmara protegendo com discursos inflamados e polêmicos, seu grupo político. Ele deu livro na cara de Belmar, apelou com repórter, batia boca com divergentes do plenário, tudo em nome da defesa cega de seus aliados.

Nasser Já Nasser, sempre foi da base aliada do grupo dos Moreira Torres e, quando descolou deles, foi derrotado. Não que ele não tenha feito um bom trabalho. Longe disso. Mas perdeu espaço junto da máquina administrativa, perdeu cargos de sua indicação e foi minado pelo governo Simone. No entanto, foi o vereador que mais levantou denúncias contra a administração e mostrou abusos. Política não é uma ciência exata...

4XHPOrVDEHRTXHGL] Diretora Geral: Maria Cecília A. Passos Registro profissional: MG07860JP

Editor: Erivelton Braz Assistente: João Vítor Simão Diagramação e Arte: Julieta Bittencourt Gráfica Nina: Guilherme Bessa e Sanzio Miranda Impressão: Editora Gráfica Nina Publicado desde 1984 - Propriedade da empresa A Notícia Regional Ltda. Circulação: João Monlevade e região Av. Rodrigues Alves, nº 78, República, João Monlevade/MG

(*) JOSÉ DAS GRAÇAS TEODORO é monlevadense e comerciante 2609.indd 2

20/11/2020 08:07:30


Geral 3

20 a 26 de novembro de 2020

“Tenho muita esperança de realizar uma grande mudança na cidade” Vinte anos após deixar o cargo de prefeito em João Monlevade, o médico Laércio Ribeiro (PT) retorna ao cargo de chefe do Executivo. Ele foi eleito com 14.434 votos e terá como vice, o atual vice-prefeito Fabrício Lopes (Avante). Confira a primeira entrevista do prefeito eleito ao A Notícia. Ele fala que a prioridade em seu governo será cuidar das pessoas, principalmente do povo mais excluído. Laércio afirma também que fará auditoria no Departamento de Águas e Esgotos (DAE) e nas obras feitas com recursos de empréstimos. O prefeito eleito defende que a Associação São Vicente de Paulo, mantenedora do Hospital Margarida, seja montada com mais representantes da sociedade. Confira:

Entrevista prefeito eleito Laércio Ribeiro

Lorena Silvestre

LAÉRCIO e Fabrício comemoram resultado após demorada apuração

A que o senhor atribuiu a sua vitória? Em primeiro lugar, obrigado pela entrevista. A cidade queria uma mudança e eu fui escolhido. Minha trajetória limpa e minha experiência como bom prefeito acho que pesaram mais. E o trabalho da militância do PT e de todos os partidos da Coligação Juntos Por Monlevade. Fabrício teve papel destacado nisso. O senhor escolheu para vice, o atual vice-prefeito, Fabrício Lopes (Avante). O que influenciou essa escolha? Um jovem, cheio de energia, com futuro político pela frente e muito trabalho prestado para a cidade. Lorena Silvestre

Como é retornar ao cargo de chefe do Executivo, 20 anos após tê-lo deixado? Uma honra e uma alegria, pois fiz um bom mandato com muitas realizações.

“Fome zero em Monlevade é minha bandeira” O que o Laércio de hoje é diferente do Laércio de 20 anos atrás? O que mudou? O mundo mudou e eu também. Hoje sou avô. Realizado na profissão, filhos criados. Família unida. Rosângela sempre ao meu lado em tudo. Vamos fazer um governo inovador com o au-

VICE-PREFEITO e prefeito eleitos fazem o “L” de Laércio

xílio das novas tecnologias, mas com o O senhor já tem nomes definipovo mais excluído como prioridade. dos para o seu secretariado? Pode adiantar algum? O que João Monlevade pode esperar da gestão Laércio e Fabrício? Não tenho nomes. Prioridade agora é organizar a transição e ver a real Vou me dedicar integralmente e situação da prefeitura por dentro. buscar cumprir nossos compromissos com a população. Tenho muita espe- Quando começam os trabalhos da rança de realizar uma grande mudan- equipe de transição? Quem vai comça na cidade. por essa equipe?

“Minha trajetória limpa e minha experiência como bom prefeito acho que pesaram mais”

Giovani Silva, que foi coordenador da campanha, coordenará a transição. Semana que vem anunciaremos a equipe. Como será executado o plano de 120 dias? Quais as principais ações? Preparar a defesa civil para as enchentes é a prioridade número 1. As demais serão organizadas na transição.

Anselmo Oliveira

ROSÂNGELA Ribeiro, Laércio, Fabrício e Simone Rolla durante apuração

“O hospital pra mim tem que ser suprapartidário. Ele é da comunidade monlevadense” Procede que o senhor vai tentar se aproximar dos vereadores da base do candidato Railton? Vou conversar com todas as bancadas e buscar um trabalho de harmonia em prol da população. Monlevade quer paz e trabalho. O que o senhor pretende fazer com o Hospital Margarida? O senhor concorda com a forma de gestão da casa

de saúde? Haverá alguma intervenção? O PA continuará ali, por exemplo? Temos uma parceria com o hospital que será mantida. O hospital pra mim tem que ser suprapartidário. Ele é da comunidade monlevadense e não pertence à prefeitura ou grupo político. E o conselho pra mim teria que ter a representação igualitária dos usuários, profissionais da saúde e mantenedores (poder público, convênios etc). Já tivemos uma primeira conversa. O senhor vai fazer alguma auditoria na Prefeitura, Fundações e Autarquias? No DAE com certeza precisamos fazer auditoria. Em outras áreas se precisa entender melhor, faremos, principalmente nas obras contratadas com dinheiro de empréstimo.

Qual será a “bandeira do seu governo”? Cuidar das pessoas. A pandemia não acabou, o desemprego só aumenta. O governo federal não mostra sinais de compromisso com essa situação. Fome zero em Monlevade minha bandeira. Várias ações estão programadas para atender a quem mais sofre com a crise.

Anselmo Oliveira

O CASAL Laércio e Rosângela festeja

A sua coligação contou com vários partidos, inclusive, com alguns nomes declaradamente antipetistas. Como o senhor lidou com essa situação? Unimos para cuidar da cidade e das pessoas. O povo quer mudança. Estamos juntos pra isso.

Lorena Silvestre

COMEMORAÇÃO ocorreu na casa da mãe de Fabrício, Helenita Lopes, no Vila Tanque

“Preparar a defesa civil para as enchentes é a prioridade número 1”

Lorena Silvestre

FABRÍCIO e a esposa Simone também celebram a vitória 2609.indd 3

Falando em vereadores, o senhor teve seis vereadores eleitos de sua coligação (Revetrie, Belmar, Pastor Lieberth, Fernando Linhares, Gustavo Maciel e Bruno Braga).

Lorena Silvestre

MILITANTES e apoiadores saem em carreata 20/11/2020 08:07:31


4 Geral

20 a 26 de novembro de 2020

Abstenção cresce, mas brancos e nulos caem em Monlevade

Assim como aconteceu em todo país, nesta eleições, realizadas em meio à pandemia do coronavírus, cresceu o número de abstenções às urnas em João Monlevade. No último domingo (15), 14.287 eleitores não apareceram para votar no município, representando uma ausência de 23,92% dos aptos a votar.

Nas últimas eleições, em 2016, os faltosos foram 12.007, totalizando 20,33% do eleitorado. A presença também caiu em termos absolutos: enquanto 47.067 eleitores compareceram às urnas em 2016, neste ano, foram 45.440 a procurar os locais de votação. No entanto, diminuiu a quanti-

dade de votos em branco e nulos no município. Em 2016, 4.861 monlevadenses, ou 10,32% do eleitorado, anulou o voto para prefeito, enquanto 2.384, ou 5,06% do público, preferiu apertar a tecla “branco”. Já em 2020, anularam o voto para o cargo majoritário 3.513 eleitores, ou 7,73% deles, enquanto 1.960 prefe-

riram votar em branco, o equivalente a 4,31% dos alistados. Já para decidir quais seriam os quinze ocupantes da próxima Câmara, 1.914 monlevadenses, ou 4,22% do total do eleitorado, votaram em branco, enquanto 2.324, ou 5,11% dos votantes, optaram pela anulação. Estes números são infe-

Informe: Nota de esclarecimento Delci Couto é vítima de ataque em rede social DELCI COUTO esclarece situação que o expôs covardemente

Reprodução

Delci Couto, candidato a prefeito nessas eleições, foi vítima de um covarde ataque nas redes sociais, a partir de um mal entendido sobre o pagamento de militantes de sua campanha. No tocante à tentativa frustrada de prejudicar o nome e a imagem nas redes sociais de um cidadão monlevandense, portador de uma longa folha de bons serviços prestados com honradez e dignidade, Delci Couto agradece e vem a público esclarecer o seguinte: a) Visando operacionalizar a sua campanha eleitoral de 2020, contratou militantes de rua e pessoal administrativo sem vínculo empregatício, de forma autônoma e não vinculada à CLT, como determina a vigente lei eleitoral. Sem vínculo de emprego, consequentemente, esta contratação não gera benefício de férias, 13º salário, FGTS e do repouso semanal remunerado por dias não trabalhados aos domingos, dias santificados e feriados. b) Entendendo ser penoso o trabalho de militância de rua, optou por contratar duas turmas em serviço de meio expediente, uma turma na parte da manhã e outra turma na parte da tarde, trabalhando em média quatro horas por dia. Na parte da manhã, lanche às 7h30 e início de serviços de rua a partir

2609.indd 4

das 8h e retorno em torno de 11h30. Na parte da tarde, saída às 13h, lanche às 15h e retorno em torno das 17h30. c) Embora esteja previsto neste contrato firmado entre as partes que o tempo do trabalho seria de cinco horas por dia e que o pagamento seria por HORAS efetivamente TRABALHADAS, a bem da verdade, em média esse trabalho não excedia de quatro horas por dia e, com alicerce nesta verdade, no dia 26 de outubro, todas as contratadas foram avisadas verbalmente que, a partir do dia seguinte, iriam receber pelas efetivas quatro horas diárias trabalhadas e não como consta no contrato, com a concordância de todas. d) Assim, foram feitos dois pagamentos: um no dia 23 de outubro, com o ponto fechado até o dia 20 deste citado mês, do valor de R$500,00 e, no dia 14 de novembro, pagamento do restante, do valor de R$380,00. e) Como a Contabilidade não funciona aos sábados, os cheques nominais foram preenchidos com data do dia 13 de novembro, já incluso o pagamento do trabalho de sábado (14), daí surgiu o comentário, por parte dos militantes que não estariam recebendo pelo trabalho do sábado dia 14. f) Cumpre aqui ressaltar que o profissional Delci Couto, imbuído na sua campanha eleitoral, apenas assinava os che-

ques com os valores elaborados pela sua equipe administrativa. g) Todo esse mal entendido chegou ao conhecimento de uma pessoa inescrupulosa que, com o fim específico de “manchar” o nome e a imagem do CIDADÃO DELCI COUTO, sem consultá-lo, sem ouvir o outro lado da questão, apressadamente levou este tema para as “redes sociais”. Não mediu as consequências de seus atos irresponsáveis, naturalmente, responderá pelo crime de difamação e de injuria. h) Após o episódio tornar-se público nas redes sociais, o profissional Delci Couto entrou em campo e foi auditar o processo e apurou o seguinte: no primeiro pagamento do valor de quinhentos reais e com o ponto encerrado no dia 20 de outubro, as militantes receberam indevidamente cem reais a mais por quatro dias não trabalhados – três domingos e pelo dia santificado de 12 de outubro. No segundo pagamento, do valor de R$380,00, elas receberam R$25,00 a menos do valor apurado, acrescido de R$16,40 de valor não reembolsado de vale transporte, totalizando R$41,40 a menos. Compensando este valor pago a menos com o valor de R$100,00 pago a mais, no acerto final deste contrato, as militantes ainda estariam recebendo a mais o valor líquido de R$58,60. No entanto, mesmo consciente de nada dever aos militantes, Delci Couto optou por pagar a diferença apurada neste segundo pagando com o valor arredondado, de R$41,40 para R$50,00 e encerrar definitivamente esta espinhosa e dolorosa questão. i) Comprovadamente e, contra fatos não há argumentos, os números são frios e, diferente dos humanos, não mentem, jamais! Esses militantes receberam valores superiores ao de meio salário mínimo mensal por meio expediente de trabalho. Se fossem contratadas por meio salário mínimo para meio expediente diário, receberiam no total destes 46 dias o valor de 801,17. No entanto, receberam neste período, o va-

lor de R$913,60 (R$500,00 + R$380,00 + R$33,60) mais reembolso de R$16,40 de vale transporte, além dos cartões. j) O candidato Delci Couto recebeu de fundo partidário do PSB apenas o valor de R$20.000,00 e, no entanto, o seu gasto com a militância nesta campanha excedeu do valor de R$80.000,00. É falaciosa a afirmativa equivocada desta pessoa de má fé, que tentou e não conseguiu agitar esta militância, ao afirmar irresponsavelmente que o pagamento a elas viria integralmente deste fundo de campanha, dinheiro este que “é seu, é de seu pai é de sua mãe”. k) Finalizando, Delci Couto fica aguardando urgentemente uma retratação CONVINCENTE e com o mesmo espaço usado nas redes sociais, de tudo o que foi dito por esta pessoa de má fé e por todos os demais que comentaram e compartilharam deste pensamento infeliz e irresponsável, na tentativa infundada de execração pública para intimidar e denigrir o nome e a imagem de um cidadão de nossa comunidade. Para apuração dos crimes cometidos contra o empresário Delci Couto e reparação de “danos”, a JUSTIÇA será o caminho a ser percorrido!

riores aos de 2016, quando 2.337 eleitores, representando 4,96% do total, preferiram assinalar o voto em branco, enquanto 2.956, ou 6,28% dos alistados, preferiu anular a sua escolha para vereador. Para as eleições de 2016, João Monlevade tinha 59.077 eleitores, número que cresceu para

59.747 quatro anos depois. É importante assinalar que somente os votos válidos são contabilizados para determinar os vencedores do pleito, enquanto que votos em branco, nulos e as abstenções são desprezados, não influindo nos resultados mesmo se forem a maioria dos registros.

Apesar da demora na apuração, eleições foram tranquilas O resultado das eleições municipais demorou a ser computado pelo site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O problema ocorreu em todo o país, após ataques de hackers ao sistema. Com isso, os resultados demoraram muito para ser confirmados em João Monlevade. Para se ter ideia, somente dezoito horas depois, o sistema do TSE contabilizou todos os votos para vereador e prefeito em João Monlevade. No entanto, o domingo de votação foi marcado pela

tranquilidade e clima de paz. Por toda a cidade e nas seções eleitorais do município o que se viu foi um domingo de calmaria, sem discussões entre militantes, boca de urna, derrame de santinhos e com poucas irregularidades. A polícia fez alguns registros (veja na página 11), mas nada que comprometesse o pleito. O juiz da 150ª Zona Eleitoral, Estêvão José Damazo, juntamente com o promotor eleitoral Igor Citeli avaliaram que o processo eleitoral em Monlevade foi um sucesso.

20/11/2020 08:07:34


20 a 26 de novembro de 2020

Geral

5

Leles é o vereador mais votado ELE FOI O ÚNICO A RECEBER MAIS DE 1.000 VOTOS

Religioso, professor e de família de comerciantes, o vereador Leles Pontes (Republicanos) foi reeleito com a maior votação em João Monlevade nas eleições deste ano à Câmara Municipal. Leles, que é o atual presidente do Legislativo, ingressou na política em 2012 e, agora, chega ao terceiro mandato. Nas duas últimas eleições, ele conquistou mais de mil vo-

tos e, agora, foi o campeão neste pleito. Leles salienta que a experiência dos oito anos anteriores como vereador e a passagem pela Presidência da Câmara fortaleceu seu trabalho e trouxe mais entendimento. “Meu sentimento é de gratidão por João Monlevade. São 1.016 votos que recebi, que me elegeram como o vereador mais votado. Neste

ano, com tantos candidatos, o voto foi muito difícil. Mas Deus nos ajudou e conseguimos vencer. Parabenizo a todos que disputaram a eleição", disse. Para ele, a vitória deve-se ao trabalho constante e ao atendimento ao público. “Nesta semana, mesmo após as eleições, já atendi umas 80 pessoas em três dias. O trabalho não para”, afirma. Segundo o vereador, essa

eleição exigiu mais dos candidatos. Pandemia, muitos nomes, fim de coligações, foram alguns dos desafios. “O povo de Monlevade pode continuar contando com o meu trabalho, minha dedicação e comprometimento. Continuarei cumprindo na íntegra o meu papel de vereador, apresentando propostas e projetos para o bem da cidade e das pessoas ”, disse Leles.

LELES PONTES é o campeão de votos na Câmara

Simone perde em todas as seções eleitorais de Monlevade A derrota da prefeita Simone Carvalho Moreira (PTB) entra para a história política municipal. Mesmo com a máquina pública nas mãos, cerca de 300 comissionados e realizando obras em diversos bairros, ela perdeu nas 175 seções eleitorais da cidade, mostrando a rejeição de todas as regiões de João Monlevade ao atual governo municipal. Na quase totalidade das seções, repetiu-se o resultado final da eleição: a atual prefeita em terceiro lugar, perdendo para o prefeito eleito Laércio Ribeiro (PT) e para o segundo colocado geral, Railton Franklin (PDT). Luiz Carlos (Patriotas) e Delci Couto (PSB), que ficaram em terceiro e quarto lugar, disputaram voto a voto em algumas seções. No total, Simone obteve 6.344 votos, menos da metade do segundo colocado, que ficou com 13.186 votos. A votação foi ainda menor que a recebida por Conceição Winter (Cidadania), última colocada nas eleições de 2016 com 9 mil votos. Mesmo a união de Conceição com Simone não contribuiu para que a prefeita recebesse a maioria dos votos. Em 10 seções, Simone Moreira caiu para a quarta colocação, passando o posto de terceiro lugar para o candidato Luiz Carlos (Patriotas), que obteve 3.551 votos no total. Foi o que ocorreu em duas seções da Escola Municipal Israel Pinheiro (Emip), no bairro Vera Cruz, além de outras oito espalha-

em segundo em duas. PREFEITA foi derrotada nas urnas

RAILTON VENCEU NO MANOEL LOUREIRO

Arquivo JAN

das pela cidade. Em alguns locais de votação, a diferença entre a prefeita Simone e o primeiro colocado foi muito grande. Em uma seção do Cassino, no bairro Centro Industrial, onde também votam moradores do bairro Santa Cruz, Laércio Ribeiro chegou a 125 votos enquanto a atual prefeita alcançou apenas 29. Em algumas seções do bairro Vila Tanque, bairro onde residem Laércio Ribeiro e Fabrício Lopes, prefeito e vice eleitos, a diferença chegou a 100 votos. Única seção do bairro Jacuí, a de número 136, computou apenas 18 votos para Simone Moreira, enquanto o prefeito eleito recebeu a confiança de 114 eleitores.

A VITÓRIA DO PT Laércio Ribeiro foi eleito com 14.434 votos. Em alguns locais de votação, ele venceu em todas as seções eleitorais. Foi o que ocorreu no Centro Tecnológico Dr. Joseph Hein (Rede Doctum), no bairro Vila Tanque; nas seções da Escola

Estadual do Bairro Laranjeiras; na Escola Estadual Dona Jenny Faria, em Carneirinhos; em todas do Cassino, no Centro Industrial; em todas também da escola Cesec, no bairro Santa Bárbara. O prefeito eleito votou no Senai, próximo à sua casa, no Vila Tanque, onde ele também teve a maioria dos votos de todas as seções. O mesmo se repetiu no Cemei do bairro Boa Vista; nas seções da Escola Municipal Professora Cicinha Moura Simon, no bairro Primeiro de Maio; no único local de votação do Centro Comunitário do Bairro Serra do Egito e em todas as seções do Centro Educacional Roberto Porto (Cerp), no bairro República. O petista também foi muito bem votado na escola Estadual Luiz Prisco de Braga, onde venceu em nove seções eleitorais e empatou com o pedetista Railton em uma seção. O mesmo ocorreu na Escola Municipal Cônego José Higino de Freitas, ontem o prefeito eleito venceu em 10 seções, empatou em uma e ficou

O segundo colocado nas eleições, Railton Franklin, venceu em todas as seções da Escola Estadual Manoel Loureiro, no bairro Cruzeiro Celeste, um dos maiores colégios eleitorais da cidade. Railton também foi o vitorioso na totalidade das seções da Escola Municipal do Promorar e na Fundação Crê-Ser, no Tanquinho I. Já nas 12 seções da Emip, nas seis da Escola Municipal Monteiro Lobato, no Novo Cruzeiro, e nas seis seções da Uemg, no bairro Baú, a disputa foi acirrada. Em cada um desses locais, Laércio venceu na metade das seções e Railton na outra metada. No Centro Educacional de João Monlevade, principal local de votação do centro da cidade, a disputa também foi acirrada. Das 15 seções, oito foram vencidas por Railton e sete por Laércio Ribeiro. Já no Colégio Kennedy, que recebeu eleitores de 11 seções, o resultado foi a vitória de Laércio em sete delas, em duas Railton levou a melhor e em outras duas houve empate entre primeiro e segundo colocado. Em uma das seções da Escola Antônio Papini, também ocorreu empate entre os dois primeiros colocados. O mesmo ocorreu em uma das seções da escola estadual Rúmia Maluf, no bairro Satélite.

Idosos exercem direito e votam “QUANDO A GENTE NÃO VOTA, PARECE QUE A GENTE NÃO EXISTE, NÃO É?”

DONA Teolinda (e), dona Eugênia e dona Dalila fizeram questão de exercer a sua cidadania com o voto

Apesar de não serem obrigados por lei a votar, muitos idosos acima dos 70 anos fizeram questão de ir às urnas neste domingo (15). Quebrando a quarentena e cumprindo todas as recomendações de higiene, muitos falaram do orgulho de exercer a cidadania. Mesmo com uma bengala, a dona Teolinda de São José, 84, compareceu à sua seção, na Escola Estadual Luiz Prisco de Braga, acompanhada da filha Simone. Ela diz que saiu de casa especialmente para registrar sua escolha. Dona Eugênia Nascimento Pereira, 89, também não renunciou ao seu direito e fez questão de ir à Escola Municipal Israel Pinheiro (Emip). Se tudo em 2020 foi afetado pela Covid-19. Dalila Gomes 2609.indd 5

Pereira, 91, é exemplo de superação. Ela precisou ser internada depois de contrair o coronavírus, mas superou a doença e recuperou a saúde. No domingo, ela fez questão de procurar a sua seção, instalada na Escola Estadual Dona Jenny Faria, e registrar o seu voto. Em Alvinópolis, Terezinha Felícia Pereira, de 82 anos, também fez questão de participar das eleições deste ano. Ao jornal estado de Minas, ela disse que votar significa "estar viva" e afirmou ter orgulho. “Quando a gente não vota, parece que a gente não existe, né?”, disse.

Erivelton Braz

Medalhões da política ficam de fora APÓS 24 ANOS, SINVAL DIAS DEIXA A CÂMARA

Conhecidos medalhões da política monlevadense deixarão o Legislativo em 31 de dezembro. Eleito pela primeira vez em 1996, Sinval Dias (PSDB) venceu todas as disputas das quais participou desde então. Líder do governo durante as quatro gestões de governos tucanos, criou fama por ser um defensor aguerrido de seus aliados e um crítico ferrenho de seus opositores. No entanto, ao longo do mandato atual, ele se envolveu em diversos bate-bocas dentro do parlamento, com destaque para a briga com Belmar Diniz (PT) em abril de 2019. Na ocasião, o tucano esfregou um caderno de registros no rosto do petista, que revidou atirando o livro na direção do colega. Vereador desde 2009, Guilherme Nasser (MDB) fez carreira no PSDB, partido ao qual filiou-se ainda durante a década de 1990. Durante a gestão de Carlos Moreira (PTB, 2001-2008), ocupou o Controle Interno e a Secretaria de Obras. Presidente da Câmara no biênio 2013-2014, foi peça fundamental na sustentação do governo do amigo Teófilo Torres (PSDB). No entanto, durante o governo de Simone Carvalho (PTB), adotou uma postura abertamente opositora, criticando a prefeita e sua gestão e fazendo denúncias contundentes. Ex-vice-prefeito durante a gestão de Laércio Ribeiro (PT, 1997-2000), Gentil Bicalho não conseguiu compartilhar da vitória do companheiro de partido. Eleito pela primeira vez em 1982, foi o vereador mais jovem daquela legislatura. Seu segundo mandato, iniciado em 1993, foi abreviado por uma recontagem dos votos que deu sua cadeira a Toninho Eletricista. Eleito vice-prefeito em 1996, perdeu a reeleição no ano 2000. Em 2012, candidatou-se a prefeito tendo Laércio como vice, mas ambos sofreram uma derrota maiúscula para Teófilo Torres (PSDB). Após uma recontagem dos votos das eleições de 1992, Antônio de Paula Magalhães, o Toninho Eletricista (PTB), entrou pela primeira vez para a Câmara Municipal em 1993. Reeleito em 2000, ele não se reelegeu quatro anos mais tarde e somente voltaria ao Legislativo em 2016. Durante sua última passagem parlamentar, caracterizou-se como um defensor da gestão de Simone Carvalho, tendo como base eleitoral a região do bairro de Lourdes, onde mora. Outros vereadores eleitos em 2016 ficaram pelo primeiro mandato. Cláudio Cebolinha

fez carreira política no PDT, mas foi eleito pelo PTB depois de coordenar a distribuição de casas do programa Minha Casa, Minha Vida no bairro Planalto. Integrante da base aliada de Simone Carvalho durante toda a sua gestão, mas estranhou-se com a ex-secretária de Educação Geralda de Castro “Gegê” por conta de uma vaga escolar para o filho de Cebolinha. Em 2020, migrou para o Democratas, legenda alinhada à candidatura de Laércio Ribeiro (PT). Ex-funcionário da Prohetel, Fábio da Silva (PP) é afeito da Igreja do Evangelho Quadrangular, da qual é membro há mais de duas décadas. Durante seu mandato, foi outro membro da base de governo da prefeita Simone Carvalho, tendo atuação discreta. Em 2020, mudou-se para o Cidadania de Conceição Winter, mas não conseguiu votos para um novo mandato. Antônio Carvalho Fraga, o Lelê do Fraga (PTB), carrega a trajetória de comerciante no supermercado que leva o nome de sua família. Apesar de ter atuação próxima à administração, desde o fim de 2019 demonstrou um visível afastamento do grupo de Simone Carvalho, passando a integrar em 2020 o Democratas, aliado a Laércio Ribeiro. O candidato a prefeito venceu, mas Lelê não conseguiu a reeleição. Vereador há três mandatos, Vanderlei Miranda (PL) manteve postura ora situacionista, ora oposicionista durante o governo de Simone Carvalho. No início da corrida eleitoral deste ano, seu partido aliou-se a Railton Franklin (PDT) para a corrida à Prefeitura. Miranda conseguiu 566 votos e até foi declarado eleito, mas não contava com a vitória de Andrea Peixoto (PTB) no processo de impugnação movido por Gleidson Caetano. A validação dos votos da ex-secretária de Saúde acabou retirando-o da próxima Câmara, embora Caetano ainda prometa recorrer nas instâncias superiores.

SEM CONCORRER Dois dos atuais vereadores não concorreram à reeleição. Pastor Carlinhos (PL) foi candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada por Railton Franklin (PDT), sendo derrotado. Já Djalma Bastos (PSD) preferiu ficar de fora da corrida eleitoral para ajudar na campanha do irmão, João Bastos (PSD), que também não conseguiu se eleger. Djalma anunciou que vai concorrer como deputado estadual em 2022. 20/11/2020 08:07:38


6

20 a 26 de novembro de 2020

Geral

Conheça os vereadores eleitos em João Monlevade Dos 13 vereadores atuais de João Monlevade que disputavam a reeleiçã, apenas cinco conseguiram permanecer no cargo. O vereador mais votado foi o atual presidente do Legislativo, Leles Pontes (Republica-

nos), que obteve 1.016 votos. Além dele, também se reelegeram Revetrie Teixeira (MDB) com 929 votos; Thiago Titó (PDT) 724 votos; Belmar Diniz (PT) com 480 votos; Geraldo Antônio Marcelino, o Tonhão (Cida-

dania), com 422 votos. Voltam à Câmara os ex-vereadores Rael Alves (PSDB) com 806 votos e Marco Zalem Rita, o Doró da Saúde (PSD), com 619 votos. Os novatos são: o ex-prefeito Gustavo Prandini

(PTB) com 561 votos; Percival Machado, o Doutor Presunto (PDT), com 775 votos; A ex-secretária de Saúde, Andrea Peixoto (PTB), com 717 votos, Pastor Lieberth (DEM), com 543 votos; Fernando Linhares

(DEM) com 449 votos; Marcos Dornelas (PDT) com 424 votos; Gustavo Maciel (Podemos) com 394 votos; e Bruno Nepomuceno Braga, o Cabeção (Avante) com 313 votos.

Lorena Silvestre

Leles Pontes (Republicanos) 1.016 votos

Revetrie Teixeira (MDB) 929 votos

Rael Alves (PSDB) 806 votos

Gustavo Prandini (PTB) 561 votos

Pastor Lieberth (DEM) 543 votos

Thiago Titó (PDT) 724 votos

Belmar Diniz (PT) 480 votos

Fernando Linhares (DEM) 449 votos

Lorena Silvestre

Lorena Silvestre

Doró da Saúde (PSD) 619 votos

Lorena Silvestre

Doutor Presunto (PDT) 775 votos

Andrea da Saúde (PTB) 717 votos

Lorena Silvestre

Lorena Silvestre

Marcos Dornelas (PDT) 424 votos

TRE mantém candidatura e Andrea assume VANDERLEI MIRANDA FICA FORA

Tonhão (Cidadania) 422 votos

Gustavo Maciel (Podemos) 394 votos

Bruno Cabeção (Avante) 313 votos

A ex-secretária municipal de Saúde, Andrea Peixoto (PTB), estará na Câmara Municipal a ser empossada em janeiro. Na tarde desta quarta-feira (18), ela foi absolvida do processo que ameaçava impugnar sua candidatura. Quatro dos sete desembargadores deram provimento ao recurso da candidata, três foram contrários e votaram pela impugnação. Com o resultado favorável de 4 a 3, os 717 votos de Andrea estão validados. Dessa forma, Vanderlei Miranda (PL), que havia entrado na lista dos eleitos, ficará fora do próximo Legislativo, pois seu partido teve coeficiente eleitoral inferior. O processo contra a candidatura

de Andréa foi movido pelo advogado e também candidato Gleison Caetano (Podemos), que alegava que Andréa havia assumido a secretaria-adjunta em 2 de abril como uma “manobra” para continuar na Secretaria de Saúde. Segundo a denúncia, os cargos titular e adjunto têm atribuições muito parecidas. O promotor eleitoral Igor Citeli emitiu um parecer pedindo a impugnação da candidatura de Andrea, tendo um entendimento semelhante ao do denunciante. Andrea recorreu e, com a decisão, está apta a tomar posse como vereadora em 1º de janeiro de 2021. O advogado informou que vai recorrer junto ao TSE.

Eleitores trocam 10 dos 15 vereadores Os eleitores de João Monlevade decidiram neste domingo (15) trocar dez de seus quinze vereadores. Dois deles já tinham experiências anteriores no Legislativo, enquanto os oito restantes são estreantes na Câmara Municipal. A ex-secretária de Saúde, Andrea Peixoto Corrêa Martins, a “Andrea da Saúde” (PTB), recebeu 717 votos em sua primeira participação eleitoral. Casada, com curso superior, ela nasceu em 16 de setembro de 1964 na cidade do Rio de Janeiro. Andrea será a única mulher na Câmara, que desde 2013 não contava com representatividade feminina. Bruno Nepomuceno Braga, o “Bruno Cabeção” (Avante), nasceu a 3 de novembro de 1981 em João Monlevade. É empresário, casado e tem curso superior completo. Concorreu pela primeira vez neste ano e já conseguiu uma cadeira, obtendo 313 votos, sendo o menos votado dentre os eleitos. Recordista de votos em 2008, Marco Zalém Rita, o “Doró da Saúde” (PSD), volta à Câmara após oito anos. Nascido em 1º de janeiro de 1966 em João Monlevade, ele é servidor público municipal, tem Ensino Médio incompleto e é casado. Nesta eleição, ele conseguiu 619 votos. Além das duas vitórias, ele já 2609.indd 6

Lorena Silvestre

VEREADORES da nova legislatura se reuniram para um café na Câmara Municipal

havia tentado eleger-se vereador em 2004 e 2016, além de deputado estadual em 2010. Nove dias depois de Doró, nascia o também monlevadense Percival Geraldo Mariano Machado, o “Dr. Presunto” (PDT). Casado e com Ensino Médio completo, ele se declara artista de circo. Concorrendo pela primeira vez neste ano, ele conquistou 775 votos. Fernando Linhares Pereira (Democratas) é outro que se elegeu já em sua primeira tentativa, com 449 votos. Casado e com curso superior completo, ele é policial civil,

tendo nascido em 11 de outubro de 1983 em João Monlevade. Natural de Viçosa (MG), Gustavo José Dias Maciel (Podemos), nasceu em 13 de agosto de 1982. Ele é empresário, casado e tem curso superior completo. Outro candidato estreante nas eleições, ele conseguiu 394 votos. Eleito para o Executivo em 2008, o ex-prefeito Gustavo Henrique Prandini de Assis (PTB) chega à Câmara após receber 561 votos. Nascido em 17 de fevereiro de 1977 em Pedro Leopoldo, ele é advogado e divorciado. O mais jovem vereador da próxima

Câmara será Marcos Vinícius Martins Dornelas, o “Marquinhos Dornelas” (PDT). Ele nasceu em João Monlevade em 29 de março de 1987, dez dias depois do colega de partido e de Câmara Thiago Titó. Marcos é casado, empresário e tem curso superior completo. Estreante em corridas eleitorais, ele teve o voto de confiança de 424 monlevadenses. Uma das lideranças da Igreja do Evangelho Quadrangular (IEQ) também compõe o novo parlamento municipal. Lieberth Oliveira Silva, o “Pastor Lieberth” (Democratas), nasceu a 3 de março

de 1974 em João Monlevade. Casado e com Ensino Médio completo, ele conquistou a preferência de 543 eleitores já em sua primeira eleição. Rael Alves Gomes (PSDB) disputou as eleições de 2016, quando conquistou a suplência. Quando o vereador Revetrie Teixeira (MDB) se afastou da Câmara por cerca de nove meses, em 2019, ele o substituiu. Nascido em 22 de fevereiro de 1970 em João Monlevade, Rael é comerciante e tem Ensino Fundamental incompleto. Nestas eleições, ele conquistou 806 votos.

CAFÉ Na manhã de ontem (19), os parlamentares eleitos participaram de um café na sede do Legislativo. Eles tiveram a oportunidade de se apresentar aos novos colegas e à imprensa, falando um pouco sobre seus objetivos e atuações. O presidente Leles Pontes (Republicanos), reeleito, conduziu os trabalhos e ofertou uma cópia do regimento interno da Casa. O pastor Lieberth Oliveira (Democratas) ministrou uma oração, e todos recitaram o Pai-Nosso. 20/11/2020 08:07:39


ELEIÇÕES

20 a 26 de novembro de 2020

Geral

7

Confira, a seguir, a relação de votos de todos os candidatos a vereador nas eleições em João Monlevade. (Fonte: TSE) CANDIDATOS ELEITOS

PARTIDO

CANDIDATO

PARTIDO

VOTAÇÃO

CANDIDATO

PARTIDO

VOTAÇÃO

Professor Leles Pontes

REPUBLICANOS 1016

Índio do Forró

MDB

108

João Pula Pula

PSD

28

Revetrie da Saúde

MDB

929

Nem do Lanche

PSD

106

Doutor Péricles

REPUBLICANOS 27

Rael Alves

PSDB

806

Christiano Cantor

MDB

106

Aercio Anastácio

PDT

Dr Presunto Percival

PDT

775

Livvia Bicalho

AVANTE

105

Golo

PTB

27

Thiago Titó

PDT

724

Moura

PDT

105

Tati Gomes

PSD

27

Andrea da Saúde

PTB

717

Zezé do Escolar

PDT

105

Andressa Mendes

PL

26

Doró da Saúde

PSD

619

Margarida

DEM

103

Dona Geralda

REPUBLICANOS 24

Gustavo Prandini

PTB

561

Budega do Jacuí

PT

102

Geraldo Silva da Rádio

PSD

24

Pastor Lieberth

DEM

543

João da Mata

PDT

102

Cristiane Irineu

MDB

24

Belmar Diniz

PT

480

Alfredo Recicla

CIDADANIA

102

Juarês Motorista

PSD

22

Fernando Linhares

DEM

449

Enilson do Salão

PODE

101

Neide Aparecida

MDB

22

Marquinho Dornelas

PDT

424

Tãozinho

PSDB

99

Reinaldo Jorge

MDB

21

Tonhão

CIDADANIA

422

Nádia Guimarães

DEM

97

Paiva dos Aposentados

PSDB

20

VOTAÇÃO

27

Gustavo Maciel

PODE

394

Alex Motorista

REPUBLICANOS 97

Nica

PSD

20

Bruno Cabeção

AVANTE

313

Jacqueline Soares

PTB

96

Ademar Lelis Lima

PDT

20

Rovilson Inacio

MDB

94

Silmara Cristina

MDB

20

Rosemar Guarda Marujos

PT

91

Laura Dias

CIDADANIA

20

Doquinha Advogado

PSD

90

Antônio Pedro

PL

18

566

Nem Preto da Água

DEM

86

Geraldão do Chevette

PSD

18

CANDIDATOS SUPLENTES PARTIDO E NÃO ELEITOS

VOTAÇÃO

Vanderlei Miranda

PL

Sinval do Bar

PSDB

728

Márcia Perdigão

PTB

85

Tim Segurança

PSD

18

Cabo Vieira Carreiro

PSD

605

Ludmila

PT

85

Isaias Sampaio

AVANTE

15

Guilherme Nasser

MDB

585

Rosana da Saúde

REPUBLICANOS 83

Lurdinha da Tieté

PSD

13

Alysson Enfermeiro

MDB

481

James da Poliarte

PTB

80

Wanderson da Fanfarra

PODE

13

Marcílio Concretmais

DEM

421

Marta Teixeira

PSD

79

Dyovana Patrícia

MDB

13

Toninho Eletricista

PTB

410

Dj Graciley

CIDADANIA

79

Eliana

PL

12

Liniker Leandro

DEM

405

Deusimar da Saúde

PDT

77

Elzinha

REPUBLICANOS 12

Wagner Ribeiro

PTB

400

Valdeci Véio

PL

76

Nem Mineiro

PSDB

12

Prof. Maria do Sagrado

PT

395

Daniel Albano

PSDB

75

Helena do Futebol

PODE

12

75

11

Marcinho Cruz

PODE

383

Washington Sartori

PTB

Alessandro Hercilio

AVANTE

Adv. Gleidson Caetano

PODE

380

Lúcio

REPUBLICANOS 73

Greiton Junior Suplente

REPUBLICANOS 11

Tuquinho

PSDB

360

Graça da Batata

CIDADANIA

72

Rosangela Cassiano

PTB

10

Lucão

PT

360

Caio Leite

DEM

72

Glenda Ferreira

PDT

10 10

João Bastos

PSD

347

Cabacinha

REPUBLICANOS 71

Ruth Plim Plim

MDB

Silvania Hoskem

PSDB

342

Rosinaldo Loi

AVANTE

71

Luiz Semeando Vidas

REPUBLICANOS 10

Bruno Moreira

PTB

335

Juaci O Vigilante

CIDADANIA

70

Cássia Jaquecele

REPUBLICANOS 10

Cláudio Cebolinha

DEM

328

Neco

PT

65

Jackeline Duquesa

PODE

Gentil Bicalho

PT

320

Geraldo Zal

PDT

65

Israel Motorista

CIDADANIA

8

Sasa Misericordia

CIDADANIA

315

Marcão do Povão

AVANTE

63

Geraldo Lalão

MDB

8

Joaquim Kilau

AVANTE

63

Ana da Bengala

PL

8

62

Dequinha

CIDADANIA

7

PSD

7 6

Paulo Ângelo Professor

DEM

315

Contrapino

PT

313

Prof.Juliana Conrado

AVANTE

308

Borrachinha Jm

PODE

306

Tangará

PDT

288

Véio Barbeiro

AVANTE

285

Dulcinéia Martins

PDT

283

Lelê do Fraga

DEM

270

Wagner Garça

DEM

266

Norberto dos Santos

REPUBLICANOS 265

Kátia Enfermeira

PDT

254

Fernando Lanna

PODE

252

Guilherme Gualberto

MDB

251

Marcelino do Obras

PTB

246

Maria de Teca

PDT

245

Sargento Franco

DEM

245

Toninho da Harpa

PL

237

João Freire

PL

231

Tadeu Motorista

PTB

227

Telles Superação

PDT

224

Reginaldo Bolinho

REPUBLICANOS 219

Húbia do Chevete

PDT

Daniel Sena da Rádio

REPUBLICANOS 217

219

Rubão da Rádio

PSD

212

Tatá Taveira

PODE

210

Professor Acácio

PDT

208

Lúcio Formiga

PL

207

Zinho da Saúde

PDT

198

Doutora Patrícia

PSDB

184

Renata Nirquelcia

PTB

179

Érica do Tanquinho

REPUBLICANOS 178

Filipe Silva

PODE

178

Sérgio Coura

AVANTE

176

André Campolina

DEM

175

Gládevon J Costa

PODE

160

Jose Marcos da Água

PSDB

150

Cristiane do Ulete

CIDADANIA

148

Fabio da Prohetel

CIDADANIA

146

Gislene Auto Escola

PODE

146

Nilson Filgueiras

PT

141

Clesio Gonçalves

PSDB

140

Lucas Geraldo

PODE

140

Carlos Silva

PT

139

Jucélio Bruzzi da Ecoar

AVANTE

139

Danilo Fonseca Leleu

PDT

138

Lucimara Farmacêutica

PDT

137

Cida Pequena Notável

DEM

132

Saracura

PL

131

José Oliveira

REPUBLICANOS 131

Elizeu Assis

PODE

129

Cida Paré

MDB

121

César Gandra

DEM

120

Tia Cleo

CIDADANIA

119

José Afonso

PT

119

Simone Venâncio

PDT

118

Vanderlei do Loanda

AVANTE

117

Wal Vigilante

DEM

116

Carlos Alves

PDT

114

Ci

PSD

109

2609.indd 7

Jacaré

PTB

9

Dudu Narde

PODE

62

Karol Pereira

Elizeu Teixeira

PT

61

Andreza da Pastoral

PTB

Afonso da Farmacia

CIDADANIA

61

Maria Angela Correa

PSDB

5

Mario Lucio Figueiredo

PSDB

60

Geraldo Rosa Pele

CIDADANIA

3

Lemos Locução

DEM

60

Nevington Juneths

MDB

1

PSD

0

Paulo Silvestre

PL

58

Graça do Loanda

Fabrício do Caminhão

PTB

58

Michelle Nunes

REDE

382

PC do B

237

Lete da Quadra

MDB

58

Jamilly Jully

Jeff Vigilante

MDB

57

Elivania Braz

PSB

230

Mara Rodrigues

PODE

57

Luiz Ernesto

REDE

175

Edilson Cardoso

MDB

56

Werton Santos

PSL

164

PC do B

150

Belarmino Odete da Silva

PSDB

55

Renato Carteiro

Branca

PL

53

Valter Celio

PSB

138

Walacci Mãozinha

AVANTE

51

Carlos Alexandre

PSB

124

Cristina Baru

MDB

51

Silverio

REDE

121

REDE

100 97

Andreia Freitas

PTB

50

Lutécia

Edvaldo do Telhado

AVANTE

50

Neguinho da Ame

PSB REDE

95

PSB

82

Nilson Ponto Um Motos

AVANTE

49

Marcelo Corredor

Leonardo Guigui

PODE

49

Ricardo Monlevade

Milton Paciência

PSD

48

Máximo Laranjeiras

PC do B

79

Silvana de Mancha

REPUBLICANOS 47

João Bosco Quintão

REDE

72

Geraldo Bendelac

MDB

46

Índio da Saúde

REDE

72

PC do B

70 70

Ednei Xavier

PODE

46

Adinei Freitas

Valter Viana

PL

46

Flávia Henriques Jornalista

REDE

Célio do Churrasquinho

AVANTE

45

Mário Freitas

REDE

50

PC do B

50

Welson do Esporte

PSD

45

Vini Cota

Valtinho

CIDADANIA

45

Marquin

PSB

49

PSL

42

Manaia

PSDB

44

Lucilene do Palmares

Flávia Dentista

DEM

44

Lucas Boró

PSL

38

Thay Musa do Esporte

AVANTE

44

Roberto da Reciclagem

REDE

36

Ze Ronda

CIDADANIA

43

Charles do Jornal

PSL

35

43

Waltinho Boi

PSB

33

42

Alexandre Ribeiro

REDE

33

Dedé Folia

MDB

Cristina Ângelo

PT

Evaldo do Transporte

REPUBLICANOS 41

Valdo

PSL

32

Roberto Braga

PTB

40

Anderson

PC do B

31

Miriam Werneck

PTB

40

Edna Moraes

PSL

30

38

Ailton Mixido

REDE

29

PSB

27

Consolação

PT

Vera Cordeiro

CIDADANIA

38

Elson Costa Pio

Doutora Taiany Cecilia

PSDB

38

Gladston Vieira

PSL

26

Juliana Oliveira

PODE

37

Ivan Barbosa

REDE

24

Maria Mãe de Ricardinho

AVANTE

36

Valter Malta Valtinho

PSB

22

36

Miguel do Clube da Cerveja

PSL

22

35

Arminda Beatriz

PSL

22

REDE

18

Marcia da Saúde Edi Professora

PSDB PSDB

Jose Higino Gomes Tico

PSDB

34

Juliana Silva

Deisiele Filha de Sandra

AVANTE

34

Cida Fraga

PSB

16

Valdir Fernandes

PTB

33

Cinthia Carvalho

PC do B

13

Elisângela Araújo

AVANTE

33

Carlos Vitaly

PSL

12

32

Paulista do Uber

PSL

12

32

Janete de Freitas

REDE

6

PSB

5

Dayse Gatti Enfermeira Isabela

PL CIDADANIA

Maria Monteiro Lobato

PSDB

31

Lau Margoso

Agostinho

MDB

31

Astrid

PC do B

4

Irmão Francisco

REPUBLICANOS 31

Gicele Oliveira

PSB

3

Mirian Tia Bia

PTB

Patrícia Mara

PSL

2

Celia Silva

PSB

1

31

Magno Marques

CIDADANIA

Rose do Planalto

REPUBLICANOS 30

31

Helem da Nova

DEM

30

A ordem dos vereadores está disponibilizada conforme lista do TSE. Ela não é baseada na ordem de votação, mas no alcance de coeficiente eleitoral de cada legenda. 20/11/2020 08:07:44


8

20 a 26 de novembro de 2020

Geral

Conheça os prefeitos eleitos na região do Médio Piracicaba

Alvinópolis - Maurosan Gonçalves Machado (MDB) obteve 5.211 votos e ocupará o cargo de chefe do Executivo pela primeira vez. Ele derrotou o atual prefeito João Batista Mateus de Morais, o João Galo Índio (Cidadania), candidato à reeleição que recebeu 4.229 votos. Em terceiro lugar ficou Wellington Henrique Martins, o Professor Wellington (PT), com 426 votos.

Dom

Silvério

-

José

Bráulio Aleixo, o Zé Bráulio (PTB), obteve 60,71% dos votos válidos e será o novo prefeito da cidade. Ele teve 2.137 votos. Saíram derrotados Ascendino de Paiva Neto (MDB), que obteve 1.240 votos, e Wagner Afonso Silva Luciano, o Waguinho Telemar (Avante), que conseguiu 143 votos

Barão de Cocais - O atual prefeito de Barão de Cocais, Décio Geraldo dos Santos (PSB), foi reeleito com 7.635 votos. Ele enfrentou dois ex-prefeitos: Geraldo Abade das Dores, o Abade, que ficou em segundo lugar com 7.095 votos e Armando Verdolin Brandão (PDT), que obteve 3.292 votos.

Bela Vista de Minas - Samantha Aparecida de Ávila Costa Magalhães (PSDB) será a única mulher a chefiar o Executivo na região. Ela venceu com 2.331 votos e derrotou José Nicolao dos Santos (PDT), que ficou em segundo com 2.240 votos. Diogo Aurélio Silva, o Diogo do Posto (MDB), obteve 1.259 votos e Ricardo Adriano Vasconcellos Dias (PT) foi o lanterna com 153 votos.

Itabira - Itabira decidiu pela mudança. Marco Antônio Lage (PSB) vai assumir a Prefeitura em 2021 após vencer com 33.141 votos. Ele derrotou o atual prefeito Ronaldo Lage Magalhães (PTB), que recebeu 28.395 votos. Também concorreram Márcio Lúcio Moreira Couto, o Marcinho da Loteria (Avante), que obteve 2.423 votos; Alexandre de Faria Martins da Costa, o Alexandre Banana (PT), que recebeu 1.055 votos; Cléverson Lobo Buim (Republicanos), com 349 votos, e Jânio Nunes Martins (PSOL), que ficou em último lugar com 152 votos.

Nova Era - Txai Silva Costa (Rede) é o mais novo prefeito eleito na região. Com 28 anos, ele venceu sua primeira disputa por cargo político e conquistou 4.524 votos. Ele concorreu com Júlia Machado Horta (PDT), que teve 3.033 votos; Jefferson Jorge de Oliveira (PRTB), o Jeffi nho Advogado, que alcançou 2.656 votos; Edivaldo Camilo Bueno, o Edivaldo de Ramiro (PL), com 300 votos, e Antônio Marcos Pimentel, o Pimentel Advogado (Democratas), que teve 158 votos.

Bom Jesus do Amparo Pedro dos Santos Moreira, o Pedrada (MDB), será novamente prefeito de Bom Jesus do Amparo. Ele obteve 2.373 votos e derrotou Joaquim Aparecido dos Santos, o Joaquim

Catas Altas - O ex-prefeito Saulo Morais de Castro (Patriota) voltará a governar a cidade a partir de 1º de janeiro de 2020. Ele conquistou 1.900 votos e derrotou seu único concorrente, Fernando Rodrigues Guimarães (Podemos), que obteve 1.792 votos.

Dionísio - Francisco Castro Souza Filho, o Nando de Chiquito Trajano (MDB), conseguiu se reeleger em Dionísio e vai continuar ocupando a cadeira de prefeito até 2024. Ele ganhou 3.165 votos e derrotou Hermes Freitas da Costa, o Hermes de Noratinho (Avante), que obteve 1.873 votos.

Santa Bárbara - O atual vice-prefeito Alcemir José Moreira (Democratas) sagrou-se o vencedor. Ele ganhou 6.661 votos e assume a Prefeitura em 1º de janeiro. Alcemir enfrentou Ezequiel Geraldo de Magela, o Kelinho (PSB), que ficou em segundo lugar com 4.207 votos. Também disputaram Zé Carlos Advogado (Cidadania), com 4.037 votos, e Carlos Antônio Mackllani, o Carlinhos Mackllani (Patriota), que alcançou 1.885 votos.

Santa Maria de Itabira - Reinaldo das Dores Santos (PSD), que é o atual prefeito da cidade, foi reeleito com 63% dos votos válidos: 3.999. Ele disputou a Prefeitura com os candidatos Olacir Aparecido Alvarenga Oliveira, o Grilo (Avante), que obteve 1.886 votos, e Danilo Lage (Cidadania), que conseguiu 463 votos.

da Ambulância (PL), que conseguiu 1.197 votos.

Rio Piracicaba - Augusto Henrique da Silva (Cidadania) ganhou a disputa pela Prefeitura da cidade com 4.247 votos. Ele derrotou o ex-prefeito Gentil Alves Costa, o Dr. Gentil, que recebeu 2.436 votos. William Anastácio de Figueiredo, o William Professor (Rede), também candidatou-se e obteve 2.250 votos.

Candidato consegue votos, mas perde cadeira por idade São Domingos do Prata Fernando Rolla (Avante) voltará a ocupar o cargo de prefeito em São Domingos do Prata, após vencer a disputa com 5.686 votos. Ele concorreu com outros três candidatos. José Alfredo de Castro Pereira (PL) tentou se reeleger, mas obteve 2.860 votos. Em seguida, ficou Wellington Venâncio da Silva (PDT), que recebeu 969 votos. Já Caio Magalhães Nunes (PT) ficou em último com 841 votos.

São Gonçalo do Rio Abaixo - O ex-prefeito Raimundo Nonato Barcelos, o Nozinho (PDT), vai retornar à Prefeitura após vencer a eleição com 6.252 votos, o que representa 69,71% dos votos válidos. Nozinho concorreu contra a atual vereadora Luciana Maria Bicalho (PTB), que obteve 2.609 votos. Já o candidato de chapa pura Domingos Antônio Ribeiro, o Dominguinhos (PSL), recebeu apenas 107 votos.

São José do Goiabal - O

Sem Peixe - Sem-Peixe

atual prefeito de São José do

teve dois candidatos concor-

Goiabal, José Roberto Gariff

rendo à sua Prefeitura. Éder

Guimarães (PSB), o Beto, foi

Elói de Pena, o “Éder de Ti-

reeleito com 1.829 votos. Ele enfrentou o ex-prefeito Pedro Raimundo Teodoro, o Pedro Papagaio (Progressistas), que conseguiu 1.055 votos. O terceiro colocado, Ailton Geraldo

quim” (PSD), foi o vencedor com 1.675 votos. Ele encarou o ex-prefeito João Schitini

Gomes

Neto,

dos Santos, o Ailton da Lotéri-

mocratas), que saiu derrota-

ca (PSL), obteve 507 votos.

do com 1.259 votos.

Quatro prefeitos fracassam ao tentar reeleição Quatro dos prefeitos do Médio Piracicaba não conseguiram a reeleição para ficar mais quatro anos à frente da Prefeitura. Em João Monlevade, Simone Carvalho (PTB) viu frustrado seu sonho, obtendo 6.344 votos, ou 15,87% dos votos válidos, e ficando em terceiro lugar. Tanto em termos absolutos quanto proporcionais, sua votação foi inferior à da candidata menos votada em 2016. Naquele pleito, Concei2609.indd 8

ção Winter (PPS), agora candidata a vice-prefeita com Simone, obteve 9.054 votos, correspondentes a 22,73% dos votos válidos. Em Itabira, Ronaldo Magalhães (PTB) recebeu 28.395 votos, ou 43,34% dos votos válidos, e ficou em segundo lugar. No entanto, o candidato vencedor enfrenta um processo na Justiça Eleitoral por desincompatibilização fora do prazo, que pode anular seus votos: Marco

o

Joãozinho de Quinzola (De-

Antônio Lage (PSB) conseguiu 33.141 votos, que representam 50,59% dos votos válidos. Alvinópolis preferiu não dar continuidade à gestão do prefeito João “Galo Índio” (Cidadania), que obteve a preferência de 4.429 eleitores, que somaram 42,86% dos votos válidos. Os munícipes preferiram o candidato Maurosan (MDB), que recebeu 5.211 votos, ou 52,86% dos votos válidos.

A volta de Fernando Rolla (Avante) à Prefeitura, frustrou os planos de Alfredo Castro Pereira (PL) de continuar à frente da administração de São Domingos do Prata. O atual prefeito foi votado por 2.860 eleitores, ou 27,62% dos votos válidos, enquanto 5.686 dos pratianos, ou 54,91% dos votos válidos, preferiram eleger Fernando Rolla, que administrou o município entre 2009 e 2016.

LUCAS (e) perdeu a vaga por ser o mais novo

Um candidato a vereador de Santa Maria de Itabira perdeu a chance de se eleger por conta da idade. Lucas Gomes Gonçalves, o “Lucas de Puano” (Republicanos), conseguiu 206 votos, quantidade exatamente igual à do seu colega de partido Cícero Otávio de Martins Cabral, o “Tuvico”. No entanto, a legenda conseguiu quociente eleitoral suficiente para ele-

ger apenas um vereador. A legislação eleitoral determina que, em caso de empate entre dois candidatos, a disputa será vencida pelo candidato mais velho. “Lucas de Puano” nasceu em 5 de janeiro de 1986, enquanto “Tuvico” nasceu em 7 de janeiro de 1955, mais de trinta anos antes, e portanto ficou com a vaga no Legislativo santa-mariense.

20/11/2020 08:07:44


20 a 26 de novembro de 2020

9

Geral

Nozinho é eleito com 70% dos votos O ex-prefeito Raimundo Nonato Barcelos, o Nozinho (PDT), retorna à Prefeitura de São Gonçalo do Rio Abaixo. Com 6.252 votos, o que representa 69,71% dos votos válidos no município, ele venceu mais uma eleição. O resultado confirma pesquisa feita na cidade que já mostrava a vitória de Nozinho. A pesquisa, inclusive, foi bastante criticada pelos adversários que foram até à Justiça impedir sua divulgação. Com o vice Leo Amora (PSB), Nozinho chega ao terceiro mandato de prefeito. Ele governou o município de 2005 a 2012. Em

2014, ele chegou ao cargo de deputado estadual. Agora, comandará a cidade a partir de 2021. “Estou feliz com o reconhecimento do povo de São Gonçalo às nossas propostas. Agora, a esperança está de volta”, disse Nozinho. Nozinho concorreu contra a atual vereadora Luciana Maria Bicalho (PTB), da coligação “Compromisso e Novas Idéias para uma São Gonçalo Sustentável” (PTB, PSDB e Democratas), que obteve 2.609 votos. Já o candidato de chapa pura Domingos Antônio Ribeiro, o Dominguinhos (PSL), recebeu apenas 107 votos.

NOZINHO vai governar São Gonçalo pela terceira vez

BELA VISTA DE MINAS

Samantha Enfermeira é a única prefeita eleita na região Bela Vista de Minas será governada pela primeira vez, por uma chapa formada por mulheres, as únicas da região a se elegerem. Samantha Aparecida de Ávila Costa Magalhães, a Samantha Enfermeira (PSDB), apoiada pelo atual governo, terá como vice, Rosilane Taveira Basílio, a Rode (DEM). Samantha, que era da coligação “Unidade Progressista Belavistana” (PSDB, PL, Progressistas e Democratas), obteve 2.331 votos e venceu as eleições em uma disputa acirrada com o segundo colocado, José Nicolao dos Santos, o Nicolao (PDT). Ele era da coligação “Por uma Nova História” (PDT e Patriota) e ficou com 2.240 votos. Uma diferença de 91 votos. Também disputaram em Bela Vista, Diogo Aurélio Silva, o Diogo do Posto (MDB), que teve 1.259 votos; e Ricardo Adriano Vasconcellos Dias, o Ricardo

Adrian (PT), da coligação “Com a Força do Povo” (PT e Pros), com 153 votos. Samantha afirma que governará com amor e respeito aos belavistanos. “O lema da nossa campanha foi Amor por nossa gente! E é com esse amor, com esse acolhimento que iremos governar Bela Vista de Minas. É com esse olhar de mãe, de mulher. Com esse olhar de carinho e respeito. Quero que não só as mulheres, mas que todas as classes sintam-se representadas por mim e pela Rode, minha vice. Queremos fazer parcerias com as outras cidades da região e assim, construirmos um Médio-Piracicaba melhor para se viver. Quero agradecer a todos os belavistanos e belavistanas que acreditaram em nosso projeto. Reprodução Tudo que fizemos foi por amor à nossa SAMANTHA Ávila assume a Prefeitura de gente”, afi rmou. Bela Vista

Arquivo JAN

Fernando Rolla retorna à Prefeitura Fernando Rolla (Avante) é eleito prefeito em São Domingos do Prata. Com 5.686 votos (54,91%), ele ficará à frente do Executivo a partir de 2021. Fernando terá como vice, o professor Marico (DEM). Com a coligação "Juntos pelo Prata", Fernando volta ao cargo de prefeito. Ele governou a cidade entre 2009 e 2016 e disputou as eleições para deputado federal em 2018, quando saiu derrotado. Fernando concorreu com

outros três candidatos. Em uma chapa pura, o prefeito José Alfredo de Castro Pereira (PL) tentou se reeleger, mas obteve 2.860 votos (27,62%). Em seguida, ficou Wellington Venâncio da Silva (PDT), da coligação “Prata: a Mudança Tem que Acontecer” (PDT, Podemos e Patriota), que recebeu 969 votos (9,36%). Já Caio Magalhães Nunes (PT) concorreu pela coligação “Melhor para o Prata” (PT e Cidadania) e obteve 841 votos (8,12%).

ITABIRA

Marco Antônio Lage vira o jogo e vence com 50,59% dos votos quatro meses de pré e campanha, sendo essa a maior virada nas eleições da região. Mais populoso município do Médio Piracicaba, Itabira teve seis candidatos. Além do vitorioso e do atual prefeito, concorreram Márcio Lúcio Moreira Couto, o Marcinho da Loteria (Avante), da coligação “Itabira em Boas Mãos” (Avante e Cidadania), que obteve 2.423 votos (3,70%); Alexandre de Faria Martins da Costa, o Alexandre Banana (PT), que recebeu 1.055 votos (1,61%); Cléverson Lobo Buim (Republicanos), com 349 votos (0,53%) e Jânio Nunes Martins (PSOL), que obteve 152 votos (0,23%).

Investir na saúde da sua equipe, é cuidar do que é mais valioso na sua empresa. Garanta motivação, produtividade e confiança ao seu negócio com os planos Unimed.

a partir de

Planos de saúde R$

ANS - nº 3523-14

A cidade de Itabira decidiu pela mudança. Em 1º de janeiro, assume a Prefeitura de Itabira Marco Antônio Lage (PSB/foto), da coligação “Novo Marco” (PSB, PDT, PL, PSL e Patriota), que ganhou com 33.141 votos (50,59%). Ele derrotou o atual prefeito Ronaldo Lage Magalhães (PTB), da coligação “Frente Itabira, Ação e Desenvolvimento” (PTB, PSDB, MDB, DC, Progressistas e Podemos), que tentava a reeleição e recebeu 28.395 votos (43,34%). Marco Antônio vem da iniciativa privada e disputou as eleições pela primeira vez neste ano, derrotando o candidato que já foi prefeito por duas vezes, com apenas

72,75

*

João Monlevade

Vamos cuidar da sua empresa?

(31) 3852-3131 www.unimedjm.coop.br

Rua Florianópolis, 27 Carneirinhos João Monlevade - MG

*Consulte Condições. Valor sujeito a alterações a partir de 31/12/2020 2609.indd 9

20/11/2020 08:07:45


20 a 26 de novembro de 2020

10 Geral/Classificados

Show da dupla Dandá abre Festival hoje

A dupla Dandá (formada pelo casal de artistas Nadja Lírio e Dan Soares) faz show de abertura oficial do 2º Festival Unificado da Consciência Negra. A realização é de diversas entidades e produtores culturais de João Monlevade, para marcar o Dia da Consciência Negra, celebrado nesta sexta-feira, 20 de novembro. A apresentação musical será na Cervejaria Catalã, em Carneirinhos, hoje, às 20 ho-

ras. Segundo a organização, todos os protocolos de segurança sanitária, em razão da crise da Covid-19, serão respeitados.

REP O show, com participação especial da sambista Norma de Jesus, servirá também para o pré-lançamento do single “Canção para Elza”, parceria de Nadja com a itabirana Maíra Baldaia. Conforme um dos organizadores, o jornalista e escritor Wir

Caetano, o 2º Festival Unificado da Consciência Negra tem programação prevista até 19 de dezembro, mas não está totalmente fechada. A realização é da Associação Cultural de João Monlevade (Congado São João Evangelista), Associação Cultural Navio Negreiro (Anan), Associação Monlevadense de Afrodescendentes (Amad), Pastoral Afro Montfortina, Projeto Saberes Urbanos (professores e alunos da Uemg), Sindicato dos Metalúrgicos de

João Monlevade (Sindmon-Metal) e dos produtores culturais Andrea Abade (da Gata na Tuba Cultural) e Wir Caetano (da Dabliê Texto Imagem e da FAMA – Fábrica Monlevade de Artes). Os organizadores contam ainda com os parceiros Salve Pretitude e Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas (Neabi) da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop) e apoio do blog Nota Preta. Informações no Instagram (@festivalnegrojm (Com informações Nota Preta)

Divulgação

DANDÁ faz abertura do Festival na noite desta sexta-feira, 20

Revista Exame elege ArcelorMittal como melhor empresa de siderurgia CAMPEÃ NO RANKING MELHORES E MAIORES 2020, O PRÊMIO FOI CONQUISTADO TAMBÉM EM 2017 E 2019

1 IMÓVEIS Aluguel APTO na av. Castelo Branco, 531, térreo, c/3 qtos (1c/ suíte), dependência. Tr. 98771-2900 _________________ APTO na av. Getúlio Vargas, em cima do Magazine Luiza, c/3 qtos (1 c/suíte), dependência. Bom p/ comércio. Tr. 98771-2900 _________________ APTO na rua Araxá, bairro Lourdes, c/2 qtos (sendo 1 c/armário), sala, cozinha c/ bancada e armários, banheiro social, área de serviço, elevador. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ APTO na rua Guanabara, nº 209, bairro República, c/2 qtos, 2 banheiros, área de tanque e garagem. Tr. 99781-4345 _________________ APTO na rua Guanabara, 253, apt.106, bairro República. C/2 qtos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. Tr. 3852-2048 _________________ APTO na rua Monte Santo, bairro Carneirinhos, c/3 qtos (1 suíte), banheiro social, sala conj. c/copa, cozinha, área de serviço, dependência c/ banheiro, 2 vagas de garagem. Tr. 99196-0171 _________________ APTO na rua Nossa Se-

nhora Aparecida, c/2 qtos (sendo 1 suíte), sala, cozinha, banheiro social, área de serviço e garagem. Tr. 38515121 PJ3637 _________________ APTO na rua Olga Demétrio, bairro Mangabeiras, c/2 qtos, sala de visitas, copa, cozinha, banheiro social, garagem, pisos em cerâmica. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ APTO no bairro Alvorada, c/3 qtos (suíte), sala p/2 ambientes, banheiro social, cozinha, área de serviço e garagem. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ APTO no bairro Vale do Sol, rua Dona Clara, bloco 19, apt. 102, c/2 qtos, sala, cozinha e banheiro. Tr. Genivaldo 99589-0930 _________________ BARRACÃO na rua Richard, nº 40, fundo com av. Getúlio Vargas 4.375, c/100m² livre, s/divisória, 2 banheiros. Tr. 98771-2900 _________________ CASA comercial na rua Kennedy, bairro Nossa Senhora da Conceição, c/5 qtos, 4 banheiros (sendo 2 adaptados), 2 salas, 1 banheiro somente c/banheira, cozinha, 2 vagas de garagem, qto de despejo, área privativa. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ CASA na rua José Elói da Fonseca, bairro Mangabeiras, c/2 qtos, sala, cozinha, banheiro social, área de serviço, garagem. Tr. 38513596 PJ857 _________________ CASA na rua Santa Mônica, bairro José Elói, c/sala, 2 qtos, cozinha, banheiro, área de serviço. R$400,00.

Com mais de 47 anos de existência, o ranking é o maior estudo sobre a evolução dos negócios no país. A metodologia é desenvolvida pela Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis (Fipecafi), da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA), da USP. São coletados dados de mais de 3 mil empresas brasileiras. “A premiação no setor consagra o esforço dos empregados para tornar a empresa Tr. Carlos (31) 98681-8835. _________________ LOJA na av. Alberto Lima, 1977. Tr. 99918-5050 _________________ LOJA na rua Geraldo Miranda, 34, c/100m², ao lado do Magazine Luiza. Tr. 987712900 _________________ LOJA no bairro Santa Bárbara, c/aprox. 60m², banheiro. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ QUITINETE atrás do EPA. Tr. 99781-4345/99602-6759 _________________ QUITINETE na av. Getúlio Vargas, c/1 qto, sala, cozinha e banheiro social. Tr. 38515121 PJ3637 _________________ QUITINETE na av. Getúlio Vargas, bairro Carneirinhos, c/1 qto, cozinha, banheiro, área de serviço. Tr. 38513596 PJ857 _________________ QUITINETE na rua Guanabara, 209, República. Tr. 99781-4345/99602-6759 _________________ QUITINETE na rua Mumbica, bairro José Elói. Tr. Luzia 3852-4190/98010-4190 _________________ QUITINETE na rua Olinda Dias Fernandes, bairro Santa Bárbara. Tr. Luzia 38524190/98010-4190 _________________ QUITINETE no bairro Carneirinhos, c/1 qto e banheiro. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ QUITINETES (novas) na av. Getúlio Vargas, nº 4.375, bairro Carneirinhos. Tr. 98771-2900 _________________ QUITINETES (2) novas na rua do Andrade, bairro José Elói, c/garagem. Tr. 38524190/98010-4190

_________________ SALA na rua Andrade, c/ aprox. 36m². Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ SALA na rua Fernão Dias, bairro Carneirinhos, c/aprox. 32 metros, um banheiro. Tr. 3851-3596 PJ857

2 IMÓVEIS Compra e Venda APTO na rua Etelvino Rocha, bairro Vale do Sol, c/3 qtos (sendo 2 c/móveis planejados), banheiro, cozinha planejada, uma vaga na garagem. Tr. Mauro 999469636 _________________ APTO na rua Gomes Batista, 639, apt. 202, bairro Lourdes, c/2 qtos (c/armários), sala, cozinha, banheiro, área de serviço, 1 vaga de garagem. Tr. 98510-1759/98201-0840 _________________ APTO na rua Guanabara, nº 209, bairro República, c/2 qtos, 2 banheiros, área de tanque e garagem. Tr. 997814345 _________________ APTO na rua José Bicalho Costa, c/aprox. 85m² de área construída. Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ APTO no bairro JK, c/4 qtos (sendo 1 suíte), sala p/2 ambientes c/varanda gourmet, banheiro social, cozinha, área de serviço, 2 vagas

Faz saber que pretendem se casar: REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL ESTADO DE MINAS GERAIS Registro Civil das Pessoas Naturais Oficial Titular: Rosa Maria Bedetti Frade Tavares - Rua Brasília, n. 91, Lucília 35930-010 - João Monlevade - MG 020057 - RAFAEL AUGUSTO MEDEIROS ARAÚJO, maior, Torneiro Mecânico, residência Rua Artemisa, nº 36, Campos Elísios, João Monlevade-MG, filho(a) de JOSÉ GERALDO ARAÚJO e MÁRCIA MEDEIROS ARAÚJO; e JÉSSICA DE PAULA REIS, maior, Fisioterapeuta, residência Rua Negrão de Lima, nº 31, Alvorada, João Monlevade-MG, filho(a) de JAIR MORAIS REIS e GILDA CORREIA DE PAULA REIS; 020058 - GABRIEL BARCELOS ROCHA, maior, Ajudante de bomba, residência Rua Atenas, nº 116, Apto 101, Nova Aclimação, João Monlevade-MG, filho(a) de CLÁUDIO MARCOS ROCHA e MARLENE BARCELOS ROCHA; e RAFAELA BRAGA DE AVELAR, maior, Atendente de Farmácia, residência Rua Atenas, nº 116, Apto 101, Nova Aclimação, João Monlevade-MG, filho(a) de RICARDO LUIZ DE AVELAR e EUNICE BRAGA DE AVELAR; 020059 - CÁSSIO RADESPIEL DE ÁVILA, maior, Autônomo, residência Rua Paraguai, nº 323, Petrópolis, João Monlevade-MG, filho(a) de REGINALDO DE AVILA GARCIA e ELIZETE APARECIDA REDESPIEL GARCIA; e CATIA DE JESUS BRITO, maior, Autônoma, residência Rua Uruguai, nº 96, Petrópolis, João Monlevade-MG, filho(a) de ANANIAS FERREIRA DE BRITO e MARIA DAS GRAÇAS DE JESUS BRITO; 020060 - ELDER BRAGANÇA MARQUES, maior, Engenheiro de Minas, residência Rua São Pedro, nº 268, Rosário, João Monlevade-MG, filho(a) de EDSON MARQUES FERREIRA e MARIA DAS GRAÇAS BRAGANÇA MARQUES FERREIRA; e FLÁVIA LEÃO DE ARAUJO, maior, Empresária, residência Rua Lucindo Caldeira, nº 285, Apto 401, Alvorada, João Monlevade-MG, filho(a) de BRUNO FELIPE DE ARAUJO e MARIA CLAUDIA LEÃO DE ARAUJO; 020061 - ALOISIO CELSO SOARES JUNIOR, maior, Engenheiro, residência Av. Contorno, nº 533, Vila Tanque, João Monlevade-MG, filho(a) de ALOISIO CELSO SOARES e TELMA LUCIA FRADE SOARES; e PAULA FONSECA ARAÚJO, maior, Enfermeira, residência Rua Dona Guiguita, nº 154, Santa Bárbara, João Monlevade-MG, filho(a) de GILBERTO ALVES ARAÚJO e MERCEDES FONSECA ARAÚJO; 020062 - ABEL JOSÉ DA SILVA LEOCÁDIO, maior, Motofrentista, residência Rua 22, nº 1568, Areia Preta, João Monlevade-MG, filho(a) de JOSÉ LEOCÁDIO e RITA DE CÁSSIA SILVA LEOCÁDIO; e MARINA CÁTIA FERREIRA, maior, Atendente, residência Rua Marechal Deodoro da Fonseca, nº 151, República, João Monlevade-MG, filho(a) de CLÉBER FERREIRA e SIRLENE CÁTIA DOS SANTOS FERREIRA; 020063 - ALAN PATRICK CORREA, maior, Eletricista, residência Rua Urucânia, nº 396, Metalúrgico, João Monlevade-MG, filho(a) de GILBERTO CORREA DA SILVA e MARIA LUIZA DOS SANTOS CORREA; e DULCE MARA ALMERINDO DOS REIS, maior, Do lar, residência Rua Urucânia, nº 396, Metalúrgico, João Monlevade-MG, filho(a) de SÉRGIO ANTÔNIO DOS REIS e MARIA IVANI ALMERINDO; 020064 - GUILHERME SANTOS SILVA, maior, Armador, residência Rua E, nº 31, Boa Vista, João Monlevade-MG, filho(a) de ARLINDO DOS SANTOS SILVA e RAIMUNDA RODRIGUES DA SILVA; e CAMILA CRISTINA SILVA, maior, Balconista, residência Rua Porto Rico, n.º 166, Teresópolis, João Monlevade-MG, filho(a) de JOÃO BATISTA DA SILVA e MARIA DE FÁTIMA BRUM SILVA; 020065 - DIRCEU PIRES CORRÊA, maior, Serralheiro, residência Rua Gaivota, nº 312, Cidade Nova, João Monlevade-MG, filho(a) de JOSÉ VITOR CORRÊA e MARIA DA CONCEIÇÃO PIRES; e ANA VALÉRIA DE SOUZA BENTO, maior, Do lar, residência Rua Gaivota, nº 312, Cidade Nova, João Monlevade-MG, filho(a) de FRANCISCO SOARES BENTO e MARIA SOARES DE SOUZA BENTO; 020066 - PAULO VICTOR MALTEZ DIAS LEITE, maior, Professor de Educação Física, residência Rua Capitão Francisco Rodrigues Cunha, nº 98, Centro, Bom Jesus do Amparo-MG, filho(a) de PAULO PEDRO LEITE e FRANCISCA INEZ DIAS LEITE; e VANESSA GOMES DE SOUZA, maior, Advogada, residência Rua Safira, nº 62, Jacuí, João Monlevade-MG, filho(a) de ÁLVARO GOMES DE SOUZA e EVA MARIA COELHO SOUZA;

Os contraentes apresentaram os documentos exigidos pelo art.1525 do Código Civil Brasileiro. Se alguém souber de algum impedimento, que os impeçam de se casar, que o faça na forma da Lei: João Monlevade 19/11/2020 ROSA MARIA BEDETTI FRADE TAVARES Oficial do Registro Civil Cartosoft - Automação de Cartórios do Registro Civil | www.cartosoft.com.br

2609.indd 10

cada vez mais produtiva, inovadora e eficiente. Esse reconhecimento nos estimula ainda mais ao propósito de criar aços inteligentes para um mundo melhor com sustentabilidade, qualidade e liderança”, afirma o presidente da ArcelorMittal Brasil e CEO ArcelorMittal Aços Planos América do Sul, Benjamin Baptista Filho. “O prêmio é reflexo do engajamento e competência das nossas pessoas, confirmande garagem. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ APTO no bairro José de Alencar, c/3 qtos, banheiro social, sala, cozinha, área de serviço. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ APTO no bairro Lucília, ótima oportunidade. Mobiliado, c/2 qtos (sendo 1 suíte), sala de TV, banheiro social, sala de jantar conj. c/sala de visita, cozinha planejada, área de serviço, 1 vaga de garagem. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ APTO no bairro Vale do Sol, 2º andar, todo reformado, c/2 qtos (guarda-roupa planejado), cozinha planejada, sala p/2 ambientes planejados, 2 vagas de garagem. Tr. 98701-2735 _________________ ÁREA no bairro Campos Elísios, c/aprox. 9.384m² (área construída aprox. de 2.442,60m²), imóvel composto por portaria, 6 blocos divididos, sendo 1º bloco c/ prédio de 1 pav., c/varanda, diversas salas, 2 banheiros e copa. 2º bloco c/prédio de 2 pav., diversas salas, 2 banheiros e vestiário. 3º bloco c/prédio de 1 pav., 1 sala e 2 salões (utilizados como almoxarifado). 4º bloco c/prédio de 3 pav, diversas salas e banheiros. 5º bloco c/prédio de 2 pav, diversas salas. 6º bloco c/prédio de 2 pav., 1 sala no piso térreo e vestiário no subsolo. Galpão em estrutura metálica. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ CASA na av. Aeroporto, c/3 qtos (sendo 1 suíte), sala p/2 ambientes, banheiro social, cozinha planejada, área de serviço, área gourmet, garagem p/3 carros. Tr. 38515121 PJ3637 _________________ CASA na av. W3, nº 125, bairro Loanda, c/3 qtos, sala, copa, cozinha, banheiro, área. Tr. Maria Francisca 3851-0793/99149-8115 _________________ CASA na rua Ayres Quaresma, bairro Carneirinhos (2 andares), lote de 360m² c/ área construída de 235,92m². Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ CASA na rua Palmeiras, 178, bairro Alvorada, c/510m², 8 qts, 3 salas, 6 banheiros, sendo 3 suítes. Garagem p/2 carros. Área livre no lote de 150m². Aceita-se troca por apartamento em Monlevade ou Belo Horizonte, ou lote. Tr. 98765-2269 _________________ CASA no bairro Castelo, parte de baixo c/2 qtos (sendo 1 suíte e closet), sala de visita, sala de jantar, banheiro social, cozinha c/armário, área de serviço. Na parte de cima, escritório, sala, cozinha, área de serviço, garagem p/6 carros. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ CASA no bairro Lourdes, c/2 qtos (sendo 1 c/closet), sala conj. c/copa, cozinha, banheiro social, área de serviço, jardim de inverno, planejado em todos os cômodos, acabamento de primeira qualidade, garagem p/3 carros. Tr. 3851-3596 PJ857 _________________ CASA no bairro Paineiras, c/ área de 307m² e lote 388m², sendo frente de 14m e fun-

dos área verde c/42m². Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ CASA no bairro República, c/4 qtos (sendo 1 c/suíte e 2 c/armários planejados), cozinha grande, varanda, área de lavanderia no terraço, piscina e sauna. Dependência p/empregada c/banheiro, garagem p/3 carros. Tr. 98674-4388 _________________ CASA/GALPÃO no bairro Nossa Senhora da Conceição, área construída c/ aprox. 327m², 2 lotes c/área total de 600m². Tr. 38515121 PJ3637 _________________ CHÁCARA no bairro Boa Vista, c/casa, 1200m². Tr. 98704-0531 _________________ CHÁCARAS (4) de 5 mil metros cada em São Gonçalo do Rio Abaixo, perto da Porteira Amarela. Valor a combinar. Aceita-se carro. Tr. 3851-0102/98962-0102 _________________ LOJA, sobreloja e quintal na av. Alberto Lima, 1977. Área total de 714m². Tr. 99918-5050 _________________ LOTE na rua Castanheiras, bairro Sion, c/360m². Tr. 98758-0195 _________________ LOTE no bairro Cidade Nova, urbanizado, c/360m². Tr. 98758-0195 _________________ LOTE no bairro Cidade Nova, c/390m², na rua 38, quadra 19. R$100 mil. Tr. 98912-9665 _________________ LOTE no bairro Metalúrgico. Tr. c/Edna ou Daniel 3851-0102 _________________ LOTE no bairro Mangabeiras, c/360m². Tr. José Carlos 99747-5871 _________________ LOTE no loteamento Parques do Vale, ao lado da Lagoa Silvana, em Ipatinga, c/área total de 376m², em área residencial. C/escritura. R$120.000,00. Somente interessados. Tr. José Luiz (31) 99963-0778 _________________ LOTE plano c/365m², localizado atrás da Vemon. Tr. Valmir 98602-5812

do a nossa atuação sempre pautada nas melhores práticas e em princípios éticos e de integridade. Vamos continuar buscando inovação e melhoria contínua para oferecer aos nossos clientes as melhores soluções em aço e, ao mesmo tempo, estimular o avanço socioeconômico das regiões onde a ArcelorMittal está presente”, destaca Jefferson De Paula, CEO da ArcelorMittal Aços Longos LATAM e Mineração Brasil.

_________________ LOTES no bairro Metalúrgico, c/preços promocionais no valor de R$40 mil cada. Lotes a partir de 360m². Tr. 38513596 PJ857 _________________ LOTES no bairro Sion, c/ área de 360m². Tr. 3851-5121 PJ3637 _________________ PONTO COMERCIAL na av. Alberto Lima, nº1977, loja, sub loja e quintal. Área 714m² . Tr. 99918-5050 _________________ PRÉDIO de 3 andares na av. Cândido Dias, bairro Loanda, nº1513 (possui 3 aluguéis). Tr. Edmilson 97501-8265 _________________ QUITINETE toda mobiliada no bairro Rosário, rua Angelina Ponce Martins, c/quarto, sala, cozinha, banheiro, c/52m². R$160 mil. Tr. 987218650 _________________ TERRENO c/7 hectares, casa colonial, ou chácaras. Na região de Abre Campo. Aceita-se troca no negócio. Tr. c/Edna ou Daniel 38510102 _________________ TERRENO em São Gonçalo do Rio Abaixo, c/2,5 hectares c/muita água de nascente. Tr. 97510-2426/99607-9699 _________________ TERRENO no bairro José Elói, c/190m². R$45 mil. Aceita-se moto ou carro de menor valor como parte do pagamento. Tr. 98721-8650

3

4 DIVERSOS VENDE-SE esterco. Tr. 99530-0471/3852-2474 _________________ VENDEM-SE areia e brita. Tr. Rogério 98608-0943

5 SERVIÇOS INVESTIGADOR particular c/10 anos de experiência. Tr. 99555-9153 _________________ OFERECE-SE para trabalhar como pedreiro. Serviços de alvenaria, lajes, ferragens, construção, acabamento. Tr. 98681-3393 _________________ OFERECE-SE para trabalhar como pedreiro de alvenaria e acabamento. C/referência. Tr. 99921-1657 _________________ REALIZA-SE serviço de demolição em geral e limpeza. Tr. Adriano 98721-8650

VEÍCULOS VENDE-SE Fiat Punto Sporting, 1.8, 2015/2016. 2º dono. Tr. (31) 99233-5021

W W W.ANOTICIAREGIONAL.COM.BR

A ArcelorMittal, grupo que mantém a Usina de Monlevade, foi eleita, novamente, a melhor empresa do setor de siderurgia e metalurgia do anuário Melhores e Maiores, da revista Exame. O prêmio, que é o mais tradicional ranking de negócios do Brasil, foi entregue nesta quarta-feira (18) em transmissão online e aberta ao público. A produtora levou o primeiro lugar do setor siderúrgico em três das últimas quatro edições.

20/11/2020 08:07:49


Polícia 11

20 a 26 de novembro de 2020

Eleitores descobrem que outros votaram em seus lugares em Monlevade Os votos de dois eleitores viraram caso de polícia em João Monlevade. Por volta das 11h30 do dia da votação, um deles compareceu à seção 16, instalada no Colégio Kennedy. No entanto, ao apresentar os documentos, descobriu-se que outra pessoa, de nome idêntico, havia votado em seu lugar. Por

conta disto, ele não conseguiu exercer seu direito. Ele acionou a Policia Militar, que registrou a ocorrência. Já por volta das 14 horas, uma eleitora foi votar na seção 174, instalada na Escola Estadual Louis Ensch, no bairro José Elói. Após receber os documentos, a mesária digitou o

número do título de eleitor no dispositivo de conferência, que acusou que a eleitora já havia votado. Ela comunicou o fato à fiscal de apoio, e a chefe do Cartório Eleitoral, Hortência Trindade, esteve no local para prestar esclarecimentos à votante. O caso também foi alvo de um registro policial.

Homem é preso por boca de urna em Alvinópolis Um homem foi preso por propaganda clandestina no domingo de eleições (15) em Alvinópolis. Por volta das 11h30, policiais receberam uma denúncia de "boca de urna", e abordaram um Fiat Pálio, de placas PVI-6652,

na praça São Sebastião, próximo à Escola Estadual Professor Cândido Gomes. Dentro do veículo, havia adesivos, santinhos e uma bandeira. Uma testemunha viu o dono do carro, um homem

de 53 anos, distribuir blocos dos materiais, prática que é ilegal. Ele foi preso e conduzido ao quartel da PM para o registro da ocorrência. O carro estava sem licenciamento desde 2018, e foi rebocado para o pátio.

Ladrões arrombam Caça e Pesca e levam até animais Na madrugada de sábado (14), ladrões invadiram o Floresta Clube em João Monlevade, e roubaram diversos equipamentos, além de animais. Os bandidos levaram do local computador, impressora, fogão indústrial de 4 bocas, botijão de gás, material hidráulico, duas maquitas, uma furadeira industrial e uma furadeira simples, três marteletes, sendo um industrial, uma serra circular, várias ferramentas de pe-

dreiro, uma caixa completa de ferramenta, um soprador, uma fritadeira inox industrial, uma panela de pressão industrial, quatro panelas grandes de alumínio, três caldeirões grandes, uma mesa de som, oito torneiras novas de pia, quatro câmeras de segurança, uma bomba de água e um equipamento de filmagem de segurança. Foram levados ainda três coelhos, um jabuti e um faisão. Além do roubo, o local foi

vandalizado e teve documentos destruídos, gavetas e armários do escritório saqueados, monitores das câmeras de segurança também foram quebrados. O local, que é um espaço de lazer de João Monlevade, passa por reformas e recebe melhorias. Ainda não há suspeitos e a Polícia pede ajuda a quem puder fornecer pistas e informações, através do telefone 181 ou 190. O sigilo será resguardado.

PM impede assalto e prende ladrão que agrediu idosa na igreja

Reprodução

IDOSA foi agredida na Igreja Nossa Senhora da Conceição

A Polícia Militar em João Monlevade prendeu na terça-feira (17) o bandido que roubou e agrediu uma funcionária da matriz Nossa Senhora da Conceição. Uma guarnição do Gepmor patrulhava a avenida Wilson Alvarenga

quando, por volta das 22h35, percebeu um assalto ocorrendo em frente ao número 830. O ladrão, de 27 anos, tentava roubar o celular da vítima, e assim que percebeu a presença dos militares, fugiu correndo em direção a um beco. Os policiais não hesitaram

e perseguiram o fugitivo, montando um cerco quando ele se abrigou em uma casa abandonada. Com reforço, os militares conseguiram capturar e prender o criminoso em flagrante, levando-o à Delegacia de Polícia Civil. Contra ele, havia um mandado de prisão em aberto. A sua fotografia foi enviada a vítimas de outros roubos, e duas delas reconheceram o bandido. Ele foi identificado como sendo o marginal que agrediu e levou o telefone celular da funcionária de 63 anos que limpava a matriz Nossa Senhora da Conceição, em Carneirinhos, no dia 26 de outubro. Por conta disto, a paróquia decidiu restringir os horários em que a igreja fica aberta para orações.

PM prende dois por roubo de moto em Monlevade

Policiais de João Monlevade conseguiram recuperar uma motocicleta roubada na terça-feira (17) na cidade. Por volta das 15h15, a vítima do assalto fez contato com as autoridades no posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Militares do Tático Móvel colheram as informações e avisaram outras equipes sobre o crime e possíveis autores. Uma guarnição patrulhava a parte alta do bairro Planalto, quando percebeu um motociclista com capacete semelhante àquele do assaltante. Ao perceber a presença dos policiais, ele fugiu em direção ao bairro Nova Monlevade,

sumindo da vista dos militares. Eles voltariam a se encontrar pouco depois, quando a equipe viu um homem saído do mato próximo ao campo de futebol do Nova Monlevade. Novamente ele tentou correr, mas havia mais militares na área, e ele foi capturado. A poucos metros do preso, de 19 anos, estava a moto que fugiu da guarnição, aquela que fora roubada. Durante as investigações, os policiais descobriram que havia sido usado um Fiat Uno para cometer o crime. Um rapaz de 29 anos, contumaz em crimes, foi preso por ceder o veículo, reconhecido pela vítima.

Lorena Silvestre

A POLÍCIA Militar acompanhou de perto a votação para garantir a ordem

Professor vai à polícia contra fraude no FGTS emergencial Um professor de João Monlevade procurou o A Notícia para relatar uma fraude em seu Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) emergencial. Cláudio Magno da Costa recebeu mensagens alertando sobre desvios nos recursos feitos através do aplicativo Caixa Tem. Ao verificar a situação do seu benefício, descobriu que o seu Cadastro de Pessoa Física (CPF) havia sido utilizado indevidamente por outra pessoa.

Ele conta que compareceu à agência da Caixa Econômica Federal (CEF) para pedir esclarecimentos, e foi informado de que a fraude aconteceu no dia 25 de agosto. O criminoso, ainda não-identificado, utilizou o telefone (11) 96547-3939, e pagou dois boletos bancários, um no valor de R$599,98 e outro de R$445,00, relativos ao FGTS emergencial. Ele procurou a polícia para registrar um boletim de ocorrência. Ao A Notícia, o professor

contou que já recebeu relatos de outras pessoas que também foram vítimas de crimes semelhantes. Ele pede que a população se atente para evitar mais casos de fraudes. Procurado, o delegado regional de Polícia Civil, Paulo Tavares Neto, explicou que, como o benefício é gerido pela Caixa, as investigações de casos dessa natureza são remetidas à Polícia Federal, com os processos correndo na Justiça Federal.

Rapaz vai a baile funk, é espancado e aparece morto dentro de lagoa A Polícia Militar deteve cinco suspeitos de envolvimento na morte de um rapaz em Santa Bárbara. O rapaz, de 20 anos, participou de um baile funk na comunidade de Santa Quitéria, e estava desaparecido desde a madrugada de domingo (15). Ao amanhecer da terça-feira (17), o proprietário de uma fazenda encontrou o corpo submerso numa lagoa de sua pro-

priedade, e acionou a polícia. Equipes e uma testemunha estiveram no local, e confirmaram que aquele corpo era mesmo do rapaz sumido. A Perícia Técnica da Polícia Civil compareceu ao local para os trabalhos de hábito, e o cor po foi levado para o Instituto Médico Legal (IML). As filmagens das câmeras de segurança do baile

funk mostravam que a vítima havia sido agredida por várias pessoas. A polícia então organizou-se para identificá-los e localizá-los, o que ocorreu ainda na terça-feira. Um menor de 17 anos foi apreendido, e quatro maiores, de 21, 23, 28 e 32 anos, foram presos e encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Santa Bárbara.

Homem leva três tiros e é agredido no Jorge Um homem foi baleado e agredido na madrugada de segunda-feira (16), no distrito de Conceição do Piracicaba (Jorge) em Rio Piracicaba. A vítima, de 25 anos, relatou que estava na praça Antônio Augusto Pessoa. Por volta das 0h05, após uma discussão, um rapaz de 18 anos atirou em sua direção, baleando-o duas vezes no glúteo esquerdo e uma no ombro. Após as balas acabarem, o rapaz fugiu.

No entanto, outro homem, de 21 anos, golpeou a vítima com um pedaço de madeira, sendo contido por populares e fugindo em seguida. O rapaz agredido foi socorrido e levado para o Hospital Margarida, em João Monlevade, onde está em observação. A Polícia Militar registrou o caso e segue as buscas pelos criminosos e pelas armas usadas no crime.

PM celebra Dia da Bandeira As sedes da Polícia Militar em Itabira e João Monlevade realizaram ontem (19) solenidades em comemoração ao Dia da Bandeira. Ao meio-dia, o Pavilhão Nacional foi hasteado em frente ao 26º Batalhão e à 17ª Companhia Independente, ao som do Hino Nacional Brasileiro e do Hino à Bandeira. Seguindo o protocolo mili-

tar, os policiais presentes prestaram continência ao símbolo da Nação. As bandeiras desgastadas ou inadequadas para uso foram incineradas. A bandeira brasileira foi implantada

em 19 de novembro de 1889, quatro dias após a Proclamação da República, sendo projetada por Raimundo Teixeira Mendes e Miguel Lemos, com auxílio de Décio Vilares.

Divulgação/PMMG

MILITARES de Itabira/João Monlevade celebraram Dia da Bandeira 2609.indd 11

20/11/2020 08:07:50


12 Informe

2609.indd 12

20 a 26 de novembro de 2020

20/11/2020 08:07:50

Profile for jan regional

Edição 2609  

Edição 2609  

Advertisement