Issuu on Google+

Giro Rápido Mais de 106 ações trabalhistas. O departamento jurídico do Sincomerciários, ingressou com mais de 106 ações trabalhistas no ano de 2011. Segundo a advogada Adriana Rodolpho, muitas consultas sobre os direitos trabalhistas são feitas diariamente no setor. “O trabalhador vem aqui buscar orientações sobre seus direitos para posteriormente conversar com o empregador”.

Direito ao Seguro de Vida. Tem direito ao Seguro de Vida, o comerciário associado. No caso de morte o seguro garante o benefício de R$5mil, R$3 mil de auxílio funeral e cesta básica por 6 meses no valor de R$200,00 por mês, além de concorrer a um sorteio mensal pela Loteria Federal no valor de R$5 mil. Associado procure o Sincomerciários e atualize seus dados.

Obras dentro do cronograma . As

obras das 130 casas do Jardim Verona estão dentro dos prazos estabelecidos e em ritmo acelerado para entrega que deve acontecer em meados desse do ano. A construção do Jardim Verona é uma parceria entre Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília – Sincomerciários, Caixa Econômica Federal e Construtora Menin.

ALERTA Março de 2012 - Ano XXI - Número 251

SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMÉRCIO DE MARÍLIA

Comerciárias recebem Prêmio Maternidade Leia o que está assinando...

PAG.08

Todo documento antes de ser assinado tem que ser lido e compreendido, é o que afirma a advogada Adriana Rodolpho do Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília. PAG.03

Sincomerciários agora em Pompéia

O Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília - Sincomerciários deve inaugurar ainda no mês de março desse ano, sua mais nova sede na cidade de Pompéia. PAG.04

10 anos de Carnavínia

Aconteceu no dia 19 de fevereiro no Jardim Lavínia em Marília, o 10º Carnavínia que reuniu mais de 3 mil folliões nas ruas do bairro. PAG.06

Renunciando ao voto do povo...

Para criar mais empregos, 40 Horas já!

PAG.02


Editorial

CCT´s

Renunciando Tabela de Pisos ao voto do povo

Os salários indicados na tabela abaixo foram retirados das Convenções Coletivas de Trabalho

A pouco mais de um mês, escrevi nesse mesmo espaço com o tema “Partidos Políticos a serviço de quem?” cujo artigo se referia a conduta dos políticos e seus partidos em relação a sociedade, mais claramente ao povo. Em um dos parágrafos escrevi: “Senhores, membros de Partidos Políticos o povo esta com fome, sem saúde, educação, moradia e sem políticas públicas contra as drogas, Aids... Vocês não podem abandonar o povo, porque na hora de pagar a conta, o povo é quem sofre as consequências.” É, realmente o povo mais uma vez foi abandonado, e com certeza, é quem vai pagar a conta da renúncia que parece cada dia mais se fortalecer nos nossos políticos. A palavra renunciar em qualquer dicionário que você encontra facilmente na internet, pode traduzir hoje o penar de um povo. Renúncia no dicionário é - “rejeitar, recusar, não querer: renunciar todo e qualquer compromisso social”. Assim, mais uma vez o povo e a sociedade de bem foi desrespeitada, rejeitada, pelo egoísmo de políticos preocupados consigo próprio. Quando você renuncia a um cargo político, você esta renunciando a uma obrigação e da responsabilidade com o seu eleitorado, esse mesmo que você bateu na porta

para pedir o seu voto e a sua confian-ça. Muitos desses eleitores eram pessoas carentes e passavam necessidades e mesmo cansados de tanta corrupção depositaram em suas mãos, seu voto e a esperança de mudarem a sociedade para mais digna, justa e igualitária. A renúncia infelizmente não vem só do ato de se entregar um cargo público, mas sim da ação de renunciar, abdicar das suas responsabilidades diárias com o seu eleitorado. O povo quando elege pessoas para um cargo político, não pede nenhum favor, ele só espera que o dinheiro público seja bem administrado e revertido de forma honesta e inteligente a sociedade. Entre nós, todos somos muito bem pagos para isso e ninguém esta fazendo isso de favor. E agora, como fica o povo ? Fica como antes, sem médicos, remédios, postos de saúde, com as ruas esburacadas e ainda desamparados das promessas dos palanques políticos. Promessa é dívida. Mais uma vez nossa cidade esta na mídia nacional, não por fatos positivos, mas sim por fatos que depredam a imagem da cidade Símbolo de Amor e Liberdade. Logo teremos eleições, e, por favor, vamos dessa vez pensar no povo e na cidade. Mário Herrera

Comércio, Lojas e Supermercados Empresas em Geral

Empregados em geral..........................................R$856,00 Faxineiro/copeiro...............................................R$755,00 Caixa....................................................................R$919,00 Office-boy/empacotador....................................R$609,00 Garantia do Comissionita...............................R$1.004,00

Vendedores(comissionistas ou não) Técnicos de Farmácia.......................................R$1.152,00 Empregados em cargo de Gerente................R$1.994,00

Farmácia Atacadista até 10 empregados Empregados em geral........................................R$796,00 Faxineiro/Coopeiro...............................................R$716,00 Caixa....................................................................R$913,00

Quebra de Caixa....................................................R$42,00

Office boy/Empacotador.......................................R$609,00

Feirantes/Ambulantes Empregados em geral........................................R$856,00

Garantia do Comissionista................................R$953,00

Microempresas(ME)

Farmácia Atacadista mais de 10 empregados Empregados em geral........................................R$856,00

Piso de ingresso...................................................R$698,00

Faxineiro/Coopeiro...............................................R$755,00

Empregados em geral........................................R$785,00

Caixa....................................................................R$961,00

Faxineiro/Coopeiro...............................................R$703,00 Caixa....................................................................R$855,00 Office boy/Empacotador.......................................R$609,00 Garantia do Comissionista...................................R$919,00 Quebra de Caixa....................................................R$42,00 Feirantes/Ambulantes Piso de ingresso.................................................R$698,00 Empregados em geral........................................R$785,00

Empresas de Pequeno Porte(EPP) Piso de ingresso...................................................R$736,00 Empregados em geral........................................R$821,00 Caixa....................................................................R$882,00 Faxineiro/Coopeiro.............................................R$722,00 Office boy/Empacotador.......................................R$609,00 Garantia do Comissionista................................R$965,00 Quebra de Caixa....................................................R$42,00 Feirantes/Ambulantes Piso de ingresso.................................................R$736,00 Empregados em geral........................................R$821,00

Farmácias/Drogarias Distribuidoras de Medicamentos Varejista Office-boy/pacoteiro/empacotador de reposição.R$578,00 Faxineiro...............................................................R$666,00 Empregados em geral........................................R$823,00 Entregadores motorizados...................................R$905,00 Funç. de aux. de famácia c/ manipulação........R$921,00 Atend. prescrição magistral c/ manipulação........R$821,00

Garantia do Comissionista......................................................R$1001,00 Office boy/Empacotador.......................................R$609,00

Concessionárias e Distr. de Veículos Menores apreendizes contratados na conformidade da legislação vigente, office boy, mensageiro e auxiliar de serviços administrativo.................R$622,00 Jovens apreendizes, com idade entre 18 a 24 anos, contratados conforme a legislação vigente e aos admitidos na função enxugador de veículos......R$622,00 Ajudante, auxiliar ou assistente de qualquer função exercida nas oficinas de manutenção de veiculos.............................................................R$799,00 Jardineiro, coperiro, faxineiro e lavador de veículos;ajudante, auxiliar ou assistente de qualquer outra função exercida fora das oficinas de manutenção de veículos.........................................................R$884,00 Admitidos em quaisquer outras funções nos CONCESSIONÁRIOS que comercializam motocicletas......................................................R$931,00 Comissionistas puros; - Concesionárias de Motos................................R$1.097,00 - Concessionáros carros, tratores,outros..........R$1.180,00 Aos admitidos nos CONCESSIONÁRIOS que comercializam outros tipos de veículos, componentes, máquinas e implementos agrícolas, para exercerem as seguintes funções: Manobristas de veículos e entreg. motorizado.R$945,00 Nas demais funções em geral..............................R$993,00 Empregada Doméstica (Piso Estadual)............R$622,00 Valores retirados das CCTs 2011/12. Faça o download em nosso site www.secmarilia.org.br. Dúvidas, ligue (14)3413-1059.

Informativo do Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília Rua: Catanduva nº 140 - Centro - CEP:17500-240 - Marília/SP - Telefone:(14)3413-1059 Site:www.secmarilia.org.br e-mail:imprensa@secmarilia.org.br Utilidade Pública Nº5096 - 05/11/2001 - Impressão: 8.000 exemplares Os artigos publicados são de inteira responsabilidade do Sindicato e traduzem literalmente a defesa dos interesses da categoria. Jornal Alerta Março/2012 Página 02

Mário Herrera Presidente

Anderson Andreozi - Mtb 38050-JP Jornalista Responsável/Designer Gráfico/Fotografias

José Ursílio- Mtb 19773 Consultoria de Comunicação


Convençaõ Coletiva

Estabilidade da gestante e abono de falta da mãe comerciária

A Convenção Coletiva de Trabalho dos Empregados no Comércio de Marília 2011/12 protege na sua cláusula 23 a “Estabilidade da Gestante” e na cláusula 35 - “Abono de falta a mãe comerciária”. A cláusula 23 mostra que a estabilidade gestante é assegurada até 75 dias após o fim da licença maternidade. “São 75 dias de estabilidade após a licença maternidade, é um direito e tem que ser cumprido”, frisou Mário Herrera presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília - Sincomerciários. Já no caso das mães co-

merciárias que necessitam levar os filhos ao médico a cláusula 35, explana sobre o direito de faltas abonadas de 1 falta no mês em caso de consultas médicas e até 15 dias no caso de internações, desde que comprovadas. “É um direito que deve ser usado com cautela e baseado na documentação necessária para comprovação das consultas e internações para que a comerciária tenha direito ao abono de faltas”, disse o advogado Evandro Marins do Sincomerciários. “A mãe comerciária precisa trabalhar, mas a mãe comerciária também tem que cuidar da família e da

saúde dos filhos, por isso tem esse direito por justiça ao seu papel na família e na sociedade”, disse Herrera sobre a importância da mulher.

Convenção Coletiva de Trabalho 2011/12 - A Convenção Coletiva de Trabalho pode ser encontrada no site www. secmarilia.org.br ou retirada pessoalmente na sede do Sincomerciários na Rua Catanduva nº 140 - Obtenha mais informações pelo telefone (14)3413-1059

Fique atento!

Leia o que está assinando... Todo documento antes de ser assinado tem que ser lido e compreendido é o que afirma a advogada do Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília Dra. Adriana Rodolpho. “Ler e entender o que você está assinando é algo primordial. No ato de assinar um documento, você pode estar dando quitação a uma dívida, doando algo, concordando ou discordando” Adriana ressalta ainda, que quando não entender o conteúdo a pessoa não deve assinar o documento. “Não entendeu o conteúdo do documento, não assine, procure alguém que tenha conhecimento no assunto e que possa te ajudar”. “Documentos em branco em hipótese alguma devem ser assinados, em qualquer lugar ou momento da vida,” frisou a advogada Adriana Rodolpho.

Para o advogado do departamento de homologações do Sincomerciários Evandro Marins, é comum pessoas assinarem documentos com informações equivocadas. “A falta de atenção, compreenssão e nervosismo na hora de assinar, só prejudica quem esta assinando, ou seja, o trabalhador”. “É muito comum recebermos pessoas que assinaram documentos em branco ou que simplesmente assinaram recibos com valores errados ou com datas retroativas. Tudo isso dificulta judicialmente na hora de defender a pessoa em uma ação judicial”, afirmou Adriana. “Quando você assinar um documento, coloque sempre perto da assinatura à data do dia em que esse documento foi apresentado e assinado”, acrescentou o presidente do Sincomerciários Mário Herrera.

Cláusula 35

Abono de falta a mãe comerciária A comerciária que deixar de comparecer ao serviço para acompanhamento em consultas médicas de seus filhos menores de 14 (quatorze) anos, inválidos ou incapazes, no limite de uma por mês, e em casos de internações, devidamente comprovadas nos termos da cáusula 21, terá suas faltas abonadas até o limite máximo de 15 dias(quinze) dias, durante o período de vigência da presente Convenção.

Cláusula 23

Estabilidade da Gestante Fica assegurada estabilidade provisória à gestante, desde a confirmação da gravidez até 75 dias (setenta e cinco) dias após o término da licença maternidade.

- Parágrafo único Na hipótese de dispensa sem justa causa, a empregada deverá apresentar à empresa atestado médico comprobatório da gravidez anterior ao aviso prévio, dentro de 60 (sessenta) dias após a data do recebimento do aviso, sob pena de perda do direito à estabilidade adicional de 75 (setenta e cinco) dias prevista no caput desta cláusula.

Trabalho em Feriados RECORTE E GUARDE

Vai Trabalhar no feriado? Direitos do Comerciário

Os Comerciários que trabalharem no FERIADO DE 04 DE ABRIL(Lei 2561 de 28 de fevereiro de 1979) tem direito aos seguintes benefícios conforme Cláusula 44 da Convenção Coletiva de Trabalho 2011/12

Indenização a título de alimentação por empregado Microempresa(ME) R$40,00 Empresas de Pequeno Porte(EPP) R$50,00 Grandes Empresas(LTDA/SA) R$60,00 - Vale Transporte - Folga após o feriado Observações:

- Descanso Compensatório(maximo 90 dias após o feriado). Independente da carga horária de trabalho o descanso compensatório deverá ser igual a um dia de trabalho. - Proibido trabalho de menores de idade e gestantes - A recusa do trabalho no feriado não constituirá em infração contratual e nem justificará sanções ao empregado

Ligue já: Tel:(14)3413-1059

e-mail:sindicato@secmarilia.org.br

Acordo válido apenas para comércio de rua, shoppings e galerias. Jornal Alerta Março/2012 Página 03


ESPECIAL POMPÉIA

l a i c e p s E éia

Sincomerciários - Rua: João da Costa Vieira nº727 Box 13 e14(Galeria MPI) Telefone: (14)3405-2747 site: www.secmarilia.org.br

Sincomerciários terá nova sede em Pompéia O Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília - Sincomerciários deve inaugurar ainda no mês de março desse ano, sua mais nova sede na cidade de Pompéia. Segundo o presidente do Sincomerciários Mário Herrera, o objetivo é auxiliar o trabalhador do comércio de Pompéia. “A cidade de Pompéia se desenvolve rápido e com isso o comércio e a categoria comerciária. Então precisamos assistir de perto nossos comerciários na cidade”. Herrera ressaltou ainda o potencial da cidade e a satisfação de poder presentear a cidade de Pom-

péia com uma sede do Sincomerciários. “Representamos uma base grande de cidades, e entre todas essas cidades, Pompéia foi escolhida para receber essa sede pelo seu potencial de desenvolvimento e comércio forte”. “Nossos comerciários de Pompéia podem ter certeza que estaremos caminhando junto com eles em defesa da categoria” frisou Herrera sobre o apoio a categoria dos comerciários na cidade. Herrera lembrou ainda, que o Sincomerciários chega para somar com o desenvolvimento da cidade. “Nosso objetivo é orientar

O Sincomerciários passará atender os comerciários de Pompéia na sua sede na cidade a partir do mês de março. “Fizemos questão de nos posicionarmos perto dos comerciários em um imóvel de fácil acesso”, frisou Mário Herrera presidente do Sincomerciários. Segundo Herrera o comerciário de Pompéia poderá contar com serviços diversificados. “Inicialmente implantaremos a sede e traremos alguns modelos de serviços ao comerciário nos

moldes de Marília e posteriormente teremos os serviços próprios e desenvolvidos especialmente para Pompéia”. “Realizaremos em Pompéia cálculos trabalhistas, homologações, orientações trabalhistas, entre outros serviços”, ressaltou Herrera, sobre as atividades do Sincomerciários em Pompéia.

o trabalhador sobre seus direitos e o comérciante sobre seus deveres. Nosso

p m o P

foco sindical começa na negociação e é esse nosso interesse, sempre nego-

Sincomerciários Pompéia oferecerá benefícios aos comerciários

Jornal Alerta Março/2012 Página 04

Sincomerciários Pompéia

ciar, conversar, conscientizar antes de qualquer ação”.

Serviços

- Cálculos/Homologações - Orientações sobre direitos - Colônia de Férias - Seguro de Vida - Material Escolar Gratuíto - Convênio Odotológico - Depto Jurídico trabalhistas,civil(família) e previdenciário - Convênios diversos

Horário de Funcionamento 9hrs às 17hrs Rua: João da Costa Vieira nº727 Box 13 e14(Galeria MPI) Telefone: (14)3405-2747 e-mail: pompeia@secmarilia.org.br site: www.secmarilia.org.br

no Comércio Empregados s o d o çã ra e ário Herrera da Fed os Motta e M rl a O presidente C iz u L lo u São Pa do Estado de os Sincomerciári o presidente d


ESPECIAL POMPÉIA

Sincomerciários - Rua: João da Costa Vieira nº727 Box 13 e14(Galeria MPI) Telefone: (14)3405-2747 site: www.secmarilia.org.br

76 anos de sucesso e realizações Fundado em 1935 o Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília - Sincomerciários é um dos mais atuantes do país . Na sua história de conquistas estão a construção de quase 5 mil casas populares construídas com toda infraestrutura, contando com água, esgoto, guias, sarjetas, asfalto e um acabamento diferenciado em todo empreendimentos. “Não vendemos sonhos, apenas construímos casas”, disse Mario Herrera presidente do Sincomerciários. O Sincomerciários também fez parte da educação de muitas famílias comerciárias contribuindo há 23 anos com o “Material Escolar Gratuito”. “Só esse ano distribuímos mais de 900 kits de material e nesses 23 anos mais de 18 mil. Temos comerciários e filhos de comerciários, que foram beneficiados e que hoje são advogados, psicólogos, pedagogos, jornalistas...” ressaltou Herrera. O Sincomerciários conquistou durante tantos anos de trabalho sério, o Centro de Lazer dos Comerciários, considerado o mais estruturado do Estado de

São Paulo. “Estrutura completa de frente com o mar, oferecendo quartos com ar-condicionado, tv Lcd, play-ground, 3 piscinas, sauna...”, frisou Herrera. “E esse ano tivemos mais uma grande conquista pra nossa história, um aumento 10,5% sobre os pisos e 9,8% sobre os salários um aumento real de

3.1% sobre o piso base, um dos maiores do Brasil”, ressaltou Herrera. A sede do Sincomerciários Marília conta também com departamento de homologações e cálculos, odontológico, jurídico, habitação, comunicação entre outros. Sincomerc iários Marí lia distribu 900kits de iu mais de Material Es colar Gratu íto

ento

ascim com o n ) o d ia c rio (asso $171,20 comerciá io no valor de R i a p a p e ou enefíc A mamã eito ao b ir d m te do filho

eron Jardim V o n ra e rr Mário He arília rios de M comérciá

30 casa a, mais 1

para os

Dra. Adriana Rodolfo e Dr. Evandro Marins advogados do Sincomerciários - Marília/Pompéia

dimento dos ológico para aten nt do O to Marília e en m ta Depar omerciários em nc Si do de se comerciários na Poméia receberá que futuramente

Jornal Alerta Março/2012 Página 05


Carnavínia 2012

10 anos de Carnavínia

Aconteceu no dia 19 de fevererio no Jardim Lavínia em Marília, o 10º Carnavínia que reuniu mais 3 mil foliões nas ruas do bairro. O Carnavínia é organizado pelos morados do bairro e contou com a participação da Banda Musical Play que animou a festa ao som das “marchinhas carnavalescas” e outros ritmos. O Jardim Lavínia é o primeiro Núcleo Habitacional construído pelo

Mais de 3 mil foliões

avínia nas

brincaram o 10ºCarn

Sindicatos dos Empregados no Comércio de Marília - Sincomerciários, com mais 300 casas construídas com toda infraestrurtura de muros, gradis na frente, guias e sarjetas, asfalto, água e esgoto, 3 dormitórios e com acabamento diferenciado. Com aproximadamente 5 mil casas construídas pelo Sincomerciários, o Jardim Lavínia é referência no Brasil, por ser o primeiro Núcleo Habitacional construído com toda infraestrutura necessária em parceria com a Caixa Econômica Federal. Segundo o presidente do Sincomerciários Mário Herrera, o Jardim Lavínia é motivo de orgulho. “O Lavínia foi o início das quase 5 mil casas que já construímos e também é referência nacional de como se construir moradias com qualidade. Agora, é orgulho do Carnaval de Marília. Parabéns aos seus moradores”. Lavínia ruas do bairro Jardim

Posse CNTC

Herrera participa de posse na CNTC O presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília - Sincomerciários e também diretor da Federação dos Empregados no Comércio do Estado de São Paulo - Fecomerciários Mário Herrera,

Jornal Alerta Março/2012 Página 06

esteve no dia 28 de fevereiro na sede da Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio - CNTC em Brasília para participar da posse da nova diretoria da entidade. Na ocasião foi empossado o presidente da Federação dos Empregados no Comércio

e Congêneres do Estado de Minas Gerais, Levi Fernandes Pinto na presidência da CNTC e o presidente da Fecomerciários, Luiz Carlos Motta foi empossado Tesoureiro da CNTC que é a maior entidade representativa da categoria dos comerciários da América Latina e que repre-

senta 12 milhões de pessoas. Segundo Herrera é muito importante para a categoria dos comerciários ter seu presidente como tesoureiro da CNTC. “É motivo de orgulho, o Motta, nosso presidente que representa os comerciários do Estado de São Paulo e os 67 sindicatos filiados

a Fecomerciários, ocupar um cargo de expressão na CNTC, que é uma entidade reconhecida nacionalmente e internacionalmente”. A maior comitiva do evento foi do Estado de São Paulo composta por 33 dirigentes sindicais filiados a Fecomerciários.


Dia da Mulher

Demissões no Comércio

Demissões caem 9,5% no Sincomerciários participa de Comércio de Marília evento em As demissões no comércio de Marília caíram 9,5% no mês de fevereiro deste ano. Pesquisa realizada pelo Setor de Homologações do Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília – Sincomerciários revelou uma redução de 22 demissões, passando de 232 demissões em fevereiro de 2011 para 210 demissões no mesmo período desse ano. Depois de demitir 17,6% a mais em 2011 em comparação com o ano 2010, o comércio de Marília teve suas demissões estabilizadas no mês de janeiro e uma queda de 9,5% em fevereiro desse ano. “Nossas homologações de contrato de trabalho são de comerciários com mais de um ano de trabalho, então essa queda é positiva e representativa para o comércio.”, disse Mário Herrera presidente do Sincomerciários. A Pesquisa do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) referente ao mês de janeiro de 2012 apontou o comércio de Marília com um saldo negativo de 97 empregos em janeiro desse ano, ou seja, foram registradas 727 demissões contra 630 carteiras assinadas. “Janeiro ainda é o mês das demissões de comerciários que são contratados para as vendas de Natal. Acredito que a maioria dessas demissões são de contratações temporárias do comércio, comerciários com menos de um ano de registro. Já que as demissões de janeiro de 2012 dos comerciários com mais de 1 ano de empresa foram apenas de 151 demissões”, ressaltou Herrera. “Sempre é bom quando as pesquisas apontam quedas nas demissões. Gostaria que todo o mês nossas pesquisas pudessem apontar quedas nas demissões do comércio

de nossa cidade. Acredito que esse cenário positivo nas demissões possa se repetir no próximo mês”, frisou Herrera sobre o bom momento nas demissões nos dois primeiros meses do ano. Ainda liderando o ranking de demissões segue o setor dos supermercados com 44 demissões no mês de fevereiro. “É difícil conter as demissões no setor dos supermercados. É o setor que mais contrata, mas também é o que mais demite e que não oferece nenhum subsídio financeiro diferenciado para trabalho em domingos e feriados. Enquanto não discutirmos uma política de valorização desse trabalho, esse setor continuará perdendo comerciários para outros setores”, explicou Herrera sobre a rotatividade e desvalorização do comerciário do setor. As demissões por ramo de atividade seguem da seguinte forma; supermercados 44, comércio de roupas e confecções 31, concessionárias e autopeças 27, comércio de produtos alimentícios e carne 21, comércio de móveis, eletrônicos e doméstico 20, comércio de materiais para construção 13, comércio de calçados e couro 11, comércio de brinquedos 5, farmácias e drogarias 4, fotos e relojoarias 4, livraria e papelaria 1 e atividades diversas 29 demissões. A pesquisa mostrou ainda, que as demissões do s e x o

masculino caíram de 136 em fevereiro de 2011 para 110 no mesmo período desse ano uma queda de 26 demissões. Já para o sexo feminino as demissões tiveram um pequeno aumento de 4 postos de trabalho, passando de 96 em feve-reiro de 2011, para 100 neste mês. Já nas dispensas por ocupação, as demissões dos vendedores mensalistas se mantiveram estáveis, com 129 demissões no mês de fevereiro desse ano, contra 130 do mesmo período do ano anterior. No caso dos vendedores comissionistas, as demissões passaram de 38 em fevereiro de 2011 para 31 neste ano, uma redução de 7 trabalhadores. No caso das demissões por faixa etária, dos 17 aos 40 anos, foram 186 demissões em fevereiro de 2011 contra 167 no mesmo período desse ano, uma redução de 19 trabalhadores. Já para a faixa etária de 41 aos 53 anos, as demissões também se mantiveram estáveis, passando de 46 em fevereiro de 2011, para 43 no mesmo período deste ano.

comemoração ao Dia da Mulher

Aconteceu no dia 08 de março – Dia Internacional da Mulher - no Centro de Lazer dos Comerciários na cidade de Praia Grande a 2ª Edição do Evento “Mulher Valorizada, Comerciária Fortalecida”. O evento é organizado por 67 sindicatos da categoria dos comerciários em conjunto com a Federação dos Empregados no Comércio do Estado de São Paulo – Fecomerciários. Mais de 600 mulheres entre dirigentes sindicais, comerciárias e funcionárias dos Sincomerciários do Estado de São Paulo, participaram do evento que teve como palavra de ordem “Reconhecimento e Igualdade”. “É um momento de descontração, mas também de discussão do fortalecimento dos ideais femininos da categoria dos comerciários”, disse Mário Herrera diretor da Fecomerciários e presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Marília – Sincomerciários. “Nosso sindicato participou com nossas funcionárias e comerciárias. Queremos que elas sejam ouvidas, e discutam temas que possam valorizar e melhorar a vida das nossas comerciárias”, frisou Herrera sobre a participação do Sincomerciários de Marília no evento.

O Evento teve como objetivo proporcionar um dia agradável de aprendizado e lazer, além de conscientizar ainda mais a mulher sobre seu papel na sociedade, tratando de assuntos diversos como seu papel no sindicalismo, na política, e na apresentação das reivindicações das comerciárias. Além dos debates, aconteceram uma série de atividades de la-zer, como caminhada, aula de dança de salão, avaliação de saúde das participantes e peça teatral. Também fez parte da organização da 2ª Edição do Evento “Mulher Valorizada, Comerciária Fortalecida” a Fecomerciários, que tem como presidente Luiz Carlos Motta. “Nosso presidente Motta se empenhou muito para que a recepção, acomodação, alimentação e palestras do evento tivessem qualidade total, já que agora, o evento faz parte do calendário da Feco-merciários”, frisou Herrera sobre a importância do apoio do presidente da Fecomerciários Luiz Carlos Motta. As propostas discutidas e aprovadas pelas participantes no evento deverão ser apresentadas no Congresso Nacional.

Jornal Alerta Março/2012 Página 07


Prêmio Maternidade - Marília

Comerciárias recebem Prêmio Maternidade

Paulo Gatti, Mário Herrera presidente do Sicomerciários e Vanessa Fabiana (Pernambucanas), com a filha Giulia

Vanessa Silva

(Riachuelo), Mário Herrera presidente do Sicomerciários e Cesar com a filha Marrie Mário Herrera presidente do Sicomerciários, Isis Maximiliano (Sup. Bom Preço) e o filho Miguel Maximiliano Rodrigo Alegria e a esposa Vanessa(Casas Bahia) com a filha Yasmim e o diretor Adhemar Rodela Joseana Pereira da Silva (Lojas Riachuelo) o esposo Daniel Joca da Silva e a filha Ana Julia da Silva

Durval Ramalhão com a esposa Luciana Nunes(Móveis Casa Verde) o filho Chrystian e o diretor Antônio B. de Barros Jornal Alerta Março/2012 Página 08

As mamães nas fotos foram contempladas no mês de fevereiro com o Prêmio Maternidade do Sincomerciários. Tem direito ao Prêmio Maternidade os comerciários associados. A mamãe ou papai comerciário tem direito ao benefício de 20% do piso base da categoria no valor de R$171,20. Maiores informações no site do Sincomerciários - www.secmarilia.org.br ou no telefone (14)3413-1059


Março de 2012