Page 1

canalABERTO

Nº 511| Ano 10 | 13 de janeiro de 2017

Ilhabela | Distribuição Gratuita | Circulação Semanal | www.jornalcanalaberto.com.br Fotos: Ronald Kraag

Na base do “time unido jamais será vencido”, o Prefeito Márcio Tenório deu início na Operação Praia Limpa, no fim de semana, no Perequê, com secretários, assessores, vereadores, não faltando a vice-prefeita Gracinha. De branco, comprovando que a ausência de cor é a negação da sujeira

Cumprir leis é saber governar Ao invés de “ser” o político brasileiro se perdeu na história e prefere o “ter”, razão de toda a magnitude dos maus exemplos. Certa vez escrevendo neste espaço dedicamos ao leitor o entendimento de que “a palavra comove e o exemplo arrasta”. Justamente em virtude da falta de bons exemplos está a vida do país nivelada por baixo e o brasileiro se acomodou não apenas ouvindo, vendo e percebendo atitudes nefastas, mas seguindo a mesmice da inobservância da honradez, generalizando com o seu procedimento a prática dos maus exemplos. Se a palavra apenas comove, há muito mais comovidos em meio aos eleitores do que seguidores de bons exemplos, porque estes inexistem. E, quando alguém se manifesta e age com a boa conduta logo é taxado de “c. d. f.”, como nos tempos de escola, bem antigamente, onde os estudiosos e aplicados, principalmente os que se sentavam nas primeiras carteiras da sala de aula eram ridicularizados, alvos do bullying Editorial

Educação precisa ser definida Pág. 2

Pódio de Vitória (ES) viu Ilhabela Pág. 4

Ilhabela conhece “Arte e Vida” Pág. 4

Quem olha de relance imagina serem os Aquabus, adquiridos por Ilhabela, para a utilização de pedestres. Entretanto, na atual temporada de verão, são as pequenas lanchas que transportam à terra firme os turistas que chegam de navios fundeados no canal de São Sebastião. Movimento na cidade

Comtur elege conselheiros a 9/2 Pág. 5


02

Canal Aberto 511 | 13 de janeiro de 2017 | www.jornalcanalaberto.com.br

FORMADORES DE OPINIÃO

EDITORIAL

Saber governar é, acima de tudo, Educação não pode cumprir leis vigentes. Não pode ser diferente

ser tratada indefinidamente

Com menos de 15 dias de novos governos nos municípios brasileiros ainda não deu para o cidadão/eleitor sentir o gosto das novas administrações. Qual o sabor? Realmente não se sabe. É muito cedo, mas que tem prefeito com uma sede danada de mostrar serviço, ninguém desmente, assim como tem gente já criando caso, “de nariz em pé” e mostrando que nada supera o poder. Alguns governantes já estão mostrando o que o poder é capaz de fazer. Há municípios dominados por um perrengue danado, estado lastimável, por causa de acontecimentos desastrosos; enchentes, trombas d’água, rios transbordando, pontes destruídas e precisando de atenção especial até mesmo do governo federal. Há cidades onde os problemas de saúde se avolumaram de tal sorte, em virtude de negligência e má administração que se tem notícias todos os dias da necessidade emergencial. Há, também, descasos, restos de administrações findas onde transição não aconteceu, computadores zerados, sem que a situação atual possa ser conhecida. Há pagamentos mal feitos, boletos impagos, contratos suspensos, obras inacabadas, porém inauguradas numa avalanche de comemorações que se tornaram inesquecíveis, tanto pelos que deixaram o poder como pelos que assumiram a 1º de janeiro. Isso em muitos municípios brasileiros. E há, por incrível que pareça, municípios onde prefeitos eleitos não tomaram posse, porque estão em débito com a Justiça e “deram no pé” para não serem presos, como outros que deixaram a prisão para assumir o comando de suas cidades, igualmente processados. Perdeu-se a vergonha e a desonra faz-se presente com o povo/eleitor em grande parte fazendo vistas grossas a esses desmandos dos políticos larápios, delinqüentes de primeira grandeza na atualidade. Ao invés de “ser” o político brasileiro se perdeu na história e prefere o “ter”, razão de toda a magnitude dos maus exemplos. Certa vez escrevendo neste espaço dedicamos ao leitor o entendimento de que “a palavra comove e o exemplo arrasta”. Justamente em virtude da falta de bons exemplos está a vida do país nivelada por baixo e o brasileiro se acomodou não apenas ouvindo, vendo e percebendo atitudes nefastas, mas seguindo a mesmice da inobservância da

Aniel Loquaz Educar é dar oportunidade, criar potências, desper tar talentos, proporcionar sonhos e concretizar escolhas. Ao dar opor tunidade aos jovens, a quem quer que seja, mesmo aos que não a tiveram nessa fase da vida, estará o governo criando potências, desper tando talentos. Não podem os administradores e gestores públicos menosprezar o entendimento de que “a educação é a base de tudo e o resto é conseqüência”. As provas dessa máxima estão contidas nos resultados que algumas nações alcançaram após entenderem que qualquer centavo despendido com a educação de seu povo deve ser recepcionado como investimento, jamais como despesa. Países que, há duas décadas sofriam com a deficiência generalizada de sua gente e entenderam que o alicerce para o desenvolvimento estava na educação encontraram

Fernando Antonio Braga de Siqueira - ME CNPJ: 16.930.164/0001-58 Registrado no Cartório de Registro Civil das Pessoas Jurídicas de São Sebastião sob nº 5.909

ESCRITÓRIO CENTRAL, REDAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO Avenida Princesa Isabel, 2.320 - conj. 02 Barra Velha - Ilhabela - SP CEP 11630-000

Fone: (12) 3896 3895

honradez, generalizando com o seu procedimento a prática dos maus exemplos. Se a palavra apenas comove, há muito mais comovidos em meio aos eleitores do que seguidores de bons exemplos, porque estes inexistem. E, quando alguém se manifesta e age com a boa conduta logo é taxado de “c. d. f.”, como nos tempos de escola, bem antigamente, onde os estudiosos e aplicados, principalmente os que se sentavam nas primeiras carteiras da sala de aula eram ridicularizados, alvos do bullying. Fazendo valer a forma de agir dentro da normalidade, da impessoalidade, da transparência, da boa conduta, com a responsabilidade fiscal fluindo, os novos governantes poderão se transformar nos adeptos do cumprimento do que prevê e estabelece a Constituição Federal e da norma legal em geral. Será difícil proceder assim? Não, muito pelo contrário. Basta estabelecer uma linha de ação, longe da permissividade, porque as oportunidades se farão presentes, até mesmo por parte dos correligionários e daqueles que mais próximos estão do poder. Os de fora e distantes, estes até por questão de princípio, sendo guardadas e respeitadas as aproximações, não chegarão e jamais farão propostas desonestas. Há um dito popular que amiúde se ouve “o burro arisco só acompanha o bando arisco”. Portanto, embora haja experiência para a maioria dos políticos sempre é preciso cautela porque o mau caráter exacerbado no topo da pirâmide, desde o “mensalão”, cresceu, ganhou corpo e está junto aos demais inquéritos e processos que foram instaurados no arcabouço da Operação Lava Jato. Querendo e fazendo cumprir o conjunto de exigências e leis em vigor, os novos administradores municipais poderão fazer história, cumprindo apenas a obrigação de bem servir a comunidade, em meio ao lamaçal que envolve a sofrida política brasileira. Sabendo agir e conduzindo honestamente o timão da embarcação municipal, ela chegará a um porto seguro, honradamente. Que sejamos testemunhas dessa conquista.

DIREÇÃO GERAL Fernando Siqueira - MTB 10.428 redacao@jornalcanalaberto.com.br COMERCIAL comercial@jornalcanalaberto.com.br DESENVOLVIMENTO Guilherme Siqueira | Projeto Gráfico Jaqueline dos Anjos | Diagramadora arte@jornalcanalaberto.com.br

IMPRESSÃO Atlântica Gráfica e Editora Ltda.

TIRAGEM 2.000 exemplares PERIODICIDADE Semanal

www.jornalcanalaberto.com.br Todos os direitos reservados ao Jornal Canal Aberto. É vedada a reprodução total ou parcial do conteúdo sem a permissão do jornal ou sem citar a fonte. Os artigos assinados não têm a responsabilidade do Jornal Canal Aberto.

justamente nela a estrutura para alçar vôos jamais concebidos. Ao não ter uma linha de ação definida, sem alterações constantes e privilégios incontroláveis, mas com metas e organograma também definido governo algum fará o seu povo atingir uma linha futura e chegar ao seu destino. O aproveitamento de talentos nem sempre conhecidos só se atingirá com opor tunidades ofertadas, permitindo o descor tino de interesses pelo conhecimento envolvente, palpável, resoluto. Sai governo e entra governo, as metas têm sido alteradas no contexto nacionalizado prejudicando não apenas o interesse, a busca de conhecimento fica contida, porque o horizonte se imagina, mas não se vê. Assim tem sido neste país onde a Educação é tratada de forma displicente, até negligente, principalmente pelo governo federal. Aniel Loquaz – aniel@jornalcanalaber to.com.br

Novidade boa no mercado


Canal Aberto 511 | 13 de janeiro de 2017 | www.jornalcanalaberto.com.br

03

NA PONTA

DO LÁPIS

Consumatum est (1)

Com a decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo, revogando a liminar anteriormente concedida que impediu a mudança da Câmara de Ilhabela, o Legislativo alterou o endereço constante no artigo 1º do Regimento Interno e a presidente Nanci Peres de Araújo Zanato já pode comemorar.

Consumatum (2)

Com efeito, o prédio adquirido pela Prefeitura e denominado “José Donizete da Silva” será a sede do Legislativo de Ilhabela. Espaço, conforto, comodidade e continuará na Vila, centralizada a Câmara Municipal.

Consumatum (3)

Na mesma noite de sexta feira, 6/1/2017 os vereadores elegeram as Comissões Permanentes. Dispostos, os representantes do povo debateram intensamente, discutindo ao máximo, para poder constituir as Comissões que decidirão matéria a matéria, no biênio 2017 – 2018.

Apesar de tudo... (1)

Sim, apesar do transtorno que é para o pedestre atravessar a faixa defronte ao Supermercado do Frade, tudo continua como antes. Não há trabalho dos “marronzinhos’ para orientar, fiscalizar e decidir da melhor forma possível a travessia.

Apesar (2)

As reclamações são muitas. De um lado, os pedestres, como dito. De outro lado, os motoristas. O pedestre atinge a faixa e quer passar, sem esperar. Embora o motorista pare, e, tenha preferência, o pedestre não está certo. É uma questão de coerência e isso precisa ser levado em conta. Bom senso pessoal.

Balsas confusas

As filas de embarque para as balsas, principalmente em Ilhabela, estão confusas. Uma hora faltam balsas (estão em manutenção), outra hora elas não cumprem ho-

rários e a paciência do motorista acaba se esgotando. É preciso haver um pouco de bom senso, nesse caso também.

Comtur renovado?

É o que se espera, a partir de 9 de fevereiro, quando se realizará importante reunião dos representantes do poder público e da sociedade civil organizada. O Secretário de Turismo, Ricardo Fazzini, espera que seja proveitosa a primeira reunião sob a sua gestão.

Turismo regional

Retornando à Secretaria de Turismo, após oito anos, Ricardo Fazzini deseja estimular o turismo regional, valorizando o que de melhor possui o Litoral Norte. Esta semana já reuniu todos os secretários de Ubatuba, Caraguatatuba e São Sebastião, para uma análise inicial do que poderão fazer em conjunto. Iniciativa válida, sem dúvida.

Quase cumprida

Sim, quase cumprida a missão da servidora pública de Ilhabela, Gina Vieira, hoje na Secretaria de Turismo. Serão completados 31 anos, no próximo dia 20. Foi diretora de eventos, na gestão anterior e desenvolveu a contento o seu trabalho. Como sempre.

Migração (1)

Servidores da administração finda em 31/12 atravessaram o Canal e alguns estão no quadro de servidores de São Sebastião, outros em Caraguatatuba, mas há gente que subiu a serra e está no planalto. Eunice Bourroul é uma delas e estará no turismo sebastianense.

Migração (2)

Há pessoas de Ilhabela, profissionais realmente capacitados, prestando serviços em cidades do Vale do Paraíba, na área esportiva (Taubaté), no meio ambiente (Paraibuna), jornalismo (Caraguatatuba e Ubatuba), entre outros.

Olho no olho (1)

Quarta feira, pouco mais de 17 horas, novos e bem intencionados vereadores recentemente eleitos, sentaram-se à mesa externa, na Conveniência e Cia, defronte o Posto Ale, para um papo alegre e descontraído.

Olho (2)

Evidentemente não falavam sobre manifestações de Donald Trump, mas confabularam por longos minutos. Do outro lado da rua, logicamente sem ouvir ou ver gestos, o colunista observou a ambos. Papo bom e que ensejava a troca de ideias sobre a gestão ora iniciada.

Olho (3)

Vereadores Anísio (vice-presidente da mesa) e Marquinhos Gutti (2º secretário), ambos do DEM e, conforme se ouve pela cidade, têm muito a oferecer ao município, operando no Legislativo ilhéu. Esperamos.

Expansão (1)

Um passarinho ouviu e logo avisou a coluna: “O Hospital Municipal Mário Covas” precisa ser expandido, proximamente. Já não existe espaço útil suficiente para abrigar as necessidades do melhor hospital de cidade de pequeno porte, no Estado de São Paulo.

Expansão (2)

Pelo que se saiba inexiste qualquer formalidade a respeito, mas há uma necessidade e, já pensando em dotar o hospital de um Centro de Tratamento Intensivo, pode ser que a nova gestão esteja “pensando grande”. Porém, cabe uma análise: por ano não passam de 10 as necessidades de uma U.T.I., para pacientes, em Ilhabela.

Expansão (3)

Da forma como está sendo feito há alguns anos, uma U.T.I. móvel pode, ao menos por enquanto, solucionar o problema. Entretanto, já que existem condições, que se

faça uma audiência pública, ouvindo a população e se decida pelo melhor.

Rachas de moto (1)

Noite dessas, duas motos estavam em velocidade abusiva, da Barra ao Perequê. Mais de 10 da noite, calor intenso, céu estrelado e lua nova mirando Ilhabela. De repente aquele som ensurdecedor de enormes motos – uma de 500 e outra de 900 cilindradas -. Ambas passaram na faixa elevada defronte ao Frade, além do limite (40 km/h).

Rachas (2)

Com mais de 100 policiais na cidade e 20 veículos da Polícia Militar, será que não dá para fazer blitze noturnas na cidade? Acredita-se que, quando o pessoal do CONSEG souber tomará providências junto à PM.

Problema sério (1)

A falta de energia, com voltagens diferentes (110 e 220 volts) tem prejudicado o funcionamento de todos os setores da Prefeitura de Ilhabela. Igualmente a central telefônica do 3896-9200 e os ramais ainda não conectados estão causando transtornos.

Problema (2)

Os prejuízos no desenvolvimento dos trabalhos têm sido somados e não são poucos, segundo as Secretarias de Administração e de Finanças. Daqui a pouco tudo estará nos eixos e a nova gestão com a marca de Márcio Tenório terá andamento normal, dizem assessores. O essencial,

entretanto, está sendo feito. E bem feito, afirmam.

Ainda a balsa

Bem que poderia o Dersa cuidar de estabelecer horários próprios para a travessia de veículos pesados, principalmente caminhões que fazem entregas na cidade. Até mesmo os que conduzem produtos perecíveis, conhecendo os horários, não teriam problemas. Pensar nisso, para melhor atendimento deveria ser uma lição de casa.

Temer na ilha (1)

Está sendo cogitada a visita do Presidente da República Michel Temer a Ilhabela, proximamente, com a interferência do “sempre amigo” José Yunes, Comodoro do Yacht Club. Ilhabela é o município onde o PMDB paulista e nacional apoiou e depositou plena confiança.

Temer (2)

Desde o nascedouro da candidatura de Márcio Tenório, oriundo do PSC, o PMDB lhe deu respaldo necessário, viabilizando a candidatura. Vamos esperar a confirmação do prestígio.

Menores bebendo

...e comprando, eles próprios, bebidas alcoólicas em estabelecimentos da cidade. Já se sabe onde, mas resta à quem de direito fiscalizar, a Polícia autuar e o Conselho Tutelar agir.


04

Canal Aberto 511 | 13 de janeiro de 2017 | www.jornalcanalaberto.com.br

ESPORTES

Velo Clube vence Seleção da Ilha Ilhabela no pódio na por 4x0 em amistoso no Ferreirão. Integração Copa Estreantes de Optmist Foto: Camila Migliorini/PMI

Foto: Divulgação

A avaliação do preparo de velejadores se comprovou na competição em Vitória Importante o evento, quando Ilhabela recepcionou o Velo Clube de Rio Claro. Maioria não conhecia o arquiplélago. Gostou

A Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Esporte, Lazer e Recreação, promoveu domingo, 8, o amistoso entre o Velo Clube da cidade de Rio Claro, interior de São Paulo e a seleção de Ilhabela, no Estádio do Ferreirão. O Velo Clube venceu a partida por 4x0. No primeiro tempo de jogo, o time rio-clarense começou bem, com o jogador Flávio marcando dois gols contra a seleção de Ilhabela. No segundo tempo, a equipe de Ilhabela mesmo com muita determinação, sofreu mais dois gols da seleção Velo Clube, um marcado pelo jogador Gustavo e outro pelo jogador Leandro. Para o secretário de Esportes, José Roberto de Jesus o resultado é devido à falta de preparo físico e posicionamento dos jogadores em campo “O preparo físico do time adversário acaba sobressaindo ao time da Ilha. Nós ainda não temos um treinador para preparar o nosso time e isso faz uma grande diferença. O time bem posicionado corre menos e o que não está bem posicionado cansa mais”, declarou o secretário sobre a derrota da Seleção de Ilhabela. Segundo o treinador e ex-jogador Lelo (Portuguesa e Santos), a competição teve saldo positivo, mesmo com a derrota do time da casa “O jogo foi bem proveitoso para os nossos atletas. Eles tiveram contato com profissionais e isso já aumenta o grau de experiência de nossos jogadores. Alguns meninos são novos, da categoria sub17, e tiveram a oportunidade de jogar com pessoas que já passaram por grandes clubes. Daqui alguns dias eles vão enfrentar equipes amadoras do mesmo nível, então foi muito

importante esse amistoso”. O Velo Clube chegou ao arquipélago na terça-feira (3/1), e escolheu Ilhabela para os treinos da pré-temporada da série A2 do Campeonato Paulista. “Esse jogo foi muito importante para nós, e serviu de teste. Foi um ótimo complemento de trabalho. A estrutura que a Prefeitura de Ilhabela nos forneceu é sensacional, gostaria de agradecer o Secretario de Esportes, José Roberto de Jesus, o Secretário adjunto Flavio César, o diretor Ivo Leite e ao prefeito, Márcio Tenório. O Velo Clube também agradece a todos que colaboraram para este jogo dar certo e por toda receptividade que nos deram”, declarou o técnico Álvaro Gaia do Velo Clube. Torcedores também acompanharam a partida no estádio do Ferreirão, “o jogo foi bem feito e o time do Velo Clube já vem treinando faz tempo, por isso o resultado foi positivo para eles. Sempre é bom incentivar o futebol em Ilhabela, desejo toda a sorte à seleção da Ilha, que continue sempre treinando para novas conquistas”, disse animado o torcedor e morador da cidade, Ricardo André. O evento contou com a presença do prefeito Marcio Tenório, a vice-prefeita Gracinha, dos secretários Luiz Lobo (Administração), José Roberto de Jesus (Esportes), do adjunto Flavio César (Esporte) e do vereador Gabriel Rocha.

Arrecadação de alimentos

Para assistir à partida, cada torcedor levou um quilo de alimento não perecível. Ao total foram arrecadados 67 quilos de alimentos, que serão revertidos para o Fundo Social de Ilhabela.

CULTURA

Salão das Artes da Secretaria de Cultura recebe nova exposição - “Arte e Vida” Desde 10 de janeiro acontece no Salão de Artes da Secretaria de Cultura de Ilhabela, a exposição “Arte e Vida”, de Gorete Vinieri.Moradora do arquipélago há 40 anos, a artista irá expor mais de 45 telas de temas variados. Orientada pelo professor Cris Goes, Gorete pinta por hobby e já gahou o Prêmio Aquisição, do Salão de Artes Plásticas Waldemar Belisário. A mostra é promovida pela Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Cultura, e pela Fundação Arte e Cultura de Ilhabela (Fundaci) e ficará aberta para visitação até 31 de janeiro.

Serviço

A exposição “Arte e Vida” Data: 01 a 31 de janeiro de 2016 Local: Salão de artes da secretaria de cultura.

Foto: Divulgação/PMI

O velejador Handrey Cantini de Jesus, aluno da Escola de Vela “Lars Grael”, da Secretaria de Esportes da Prefeitura de Ilhabela, conquistou o segundo lugar na categoria infantil masculino da Copa Estreantes Optimist de 2017, realizada no Iate Clube do Espírito Santo, em Vitória, Capital Capixaba. “Foi um campeonato difícil, porém com o nível muito bom, onde o Handrey conseguiu fazer boas regatas em uma condição de vento não muito tranquila, resultando nessa ótima colocação. Agora, os três atletas estão disputando o Campeonato Brasileiro de Optimist, e com certeza ganhando muito experiência, levando em questão as condições de ventos muito fortes, vento que nossos atletas têm muita dificuldade em tocar o barco, mas seguem com muita garra e determinação”, declarou o técnico Bruno de Oliveira, que acompanha Handrey Cantini, Mario Otávio de Carvalho e Pedro Henrique Pinheiro Garcez. O velejador Handrey é ilhabelense, tem apenas 11 anos e é aluno da Escola Municipal de Vela há dois anos.Além do segundo lugar na categoria infantil, o estreante Handrey fez uma bela estréia, ficando em 7º lugar na classificação geral. Ao todo competiram nesta prova 64 velejadores de sete estados brasileiros.

A Copa Estreantes de Optimist é voltada para jovens velejadores. Neste evento, foram realizadas seis regatas. Após a cerimônia de premiação, ocorreu a abertura do Campeonato Brasileiro de Optimist, com velejadores da categoria Veterano, onde competem os alunos Mario Otávio de Carvalho e Pedro Henrique Pinheiro Garcez.

Campeonato Brasileiro de Optimist

O Campeonato Brasileiro de Optimist tem em seu cronograma 12 regatas previstas, sendo que nos três primeiros dias (8,9 e 10), acontecem as disputas individuais. Na quarta-feira (11/1), serão realizadasas competições por equipes, e nos dias 13 e 14, os últimos dias de competições individuais indicarão os grandes campeões do evento. A classe Optimist é voltada para crianças e jovens até 15 anos, por ser um tipo de embarcação bastante leve e compacta. Grandes nomes da Vela como Robert Scheidt, Martine Grael e Bruno Prada iniciaram suas carreiras nesta categoria que é considerada uma das classes mais populares de vela, e foi através desta categoria que também surgiram os melhores velejadores do mundo.

ADMINISTRAÇÃO

Prefeitura de Ilhabela prorroga edital de concursos

O Espaço da Cultura na ilha é na Vila, onde tudo começou

Rua Dr. Carvalho 80, Centro Histórico, Ilhabela. Horário de visitação: De segunda a sexta das 9h ás 22h Sábado e domingo das 12h ás 22h Contato: 12. 3896 1747.

A Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Administração, prorrogou o prazo de validade dos concursos 04/2014 e 06/2014, por mais dois anos. “Faltam alguns profissionais para compor o quadro efetivo de funcionários, por isso prorrogamos esses dois concursos por mais dois anos”, declarou o secretário da pasta, Luiz Lobo. Entre os cargos apenas o de Auxiliar de Primeira Infância (API), descrito no edital 04/2014,

não será prorrogado, devido ao esgotamento da listagem dos candidatos aprovados na prova prática e já convocados.

Concursos

Os dois concursos registraram mais de 10 mil inscrições em apenas uma semana. Na época, foram anunciadas mais de 400 vagas somando os dois editais com salários que variavam de R$941,93 a R$5.705,70.


Canal Aberto 511 | 13 de janeiro de 2017 | www.jornalcanalaberto.com.br

LINHA DE FRENTE

05

Foto: Divulgação/PMI

Comtur da Ilha elege Nos próximos três dias Ilhabela

novos membros em fevereiro receberá cerca de 6 mil turistas com paradas O Conselho Municipal de Turismo de Ilhabela promoverá a eleição de seus membros em reunião ordinária que acontecerá no dia 9 de fevereiro, às 10h, na sede da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, na Barra Velha. Os segmentos que ainda não indicaram seus representantes (titular e suplente) deverão fazê-lo na secretaria de turismo, preferencialmente até o dia 31 de janeiro. O mandato dos titulares do Comtur é de dois anos, podendo haver reeleição. O Comtur integra setores da sociedade, representados pelo poder público, associações com a finalidade de preservar e incentivar o turismo, e representantes empresariais ligados ao comércio e turismo. É composto por 21 membros com representantes das Secretarias de Turismo; Cultura; Meio Ambiente; Esportes e Lazer; Obras; do Parque Estadual de Ilhabela; do Dersa – Desenvolvimento Rodoviário S/A; do Conseg – Conselho Comunitário de Segurança de Ilhabela; do setor de Hotelaria; do setor de Marinas e Iates Clubes; do setor de Bares e Restaurantes; do setor de Lojas, Comércio e Serviços; dos Agentes de Viagens e Turismo; Profissionais Autônomos de Turismo; Sociedades Amigos de Bairro; Associação de Comunidades Tradicionais atuantes fora da área urbana municipal; representante do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo – CREA-SP ou do Conselho de Arquitetura e Urbanismo – CAU, indicado por Entidade ou Associação devidamente inscrita na Prefeitura de Ilhabela; das Organizações Não Governamentais – ONGs – Ambientalistas e Culturais do Município de Ilhabela; Ordem dos Advogados do Brasil, inscrito na Subsecção de Ilhabela e Clubes de Serviços. Os pedidos de candidatura serão feitos por ofício,

indicando o titular e suplente. Deverão ser entregues em papel timbrado da entidade ou órgão público e assinado pelo presidente ou responsável legal. Documentos complementares deverão ser entregues junto com o ofício, conforme os seguintes casos: • “Os representantes do poder público municipal serão indicados pelo Prefeito; • Representantes do Parque Estadual de Ilhabela, DERSA e CONSEG serão indicados pelos respectivos órgãos através de seu representante legal; • Representantes do setor de Hotelaria; do setor de Marinas e Iates Clubes; do setor de Bares e Restaurantes; do setor de Lojas, Comércios e Serviços; dos Agentes de Viagens e Turismo; Profissionais Autônomos de Turismo serão indicados por eleição interna de Associação constituída para o fim específico vinculado à vaga, devendo apresentar ofício, cópia autenticada da ata de eleição dos membros indicados e cópia do estatuto da entidade ou associação; • Os representantes do setor de Sociedades Amigos de Bairro; Associação de Comunidades Tradicionais atuantes fora da área urbana municipal; representante do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo – CREA-SP ou do Conselho de Arquitetura e Urbanismo – CAU, indicado por Entidade ou Associação devidamente inscrita na Prefeitura de Ilhabela; das Organizações Não Governamentais – ONGs – Ambientalistas e Culturais do Município de Ilhabela; Ordem dos Advogados do Brasil, inscrito na Subsecção de Ilhabela e Clubes de Serviços deverão apresentar ofício, assinado pelo presidente da entidade indicando o titular e o suplente à vaga pretendida. No momento do cadastramento também deverá ser apresentada cópia do estatuto da entidade e da última ata de eleição para presidente.

A Vila, Centro Histórico de Ilhabela, fica movimentada entre os dias 10 e 13 de janeiro. Nesses próximos dias o arquipélago receberá a escala de três navios: Costa Pacifica, Costa Fascinosa e MSC Orchestra, e trará para a cidade cerca de seis mil turistas. Na primeira semana do ano, o arquipélago já havia recebido dois navios, que também aumentaram o fluxo no centro. Enquanto alguns turistas aproveitam as escalas para conhecer algumas praias próximas ao receptivo, outros preferem ficar no local de desembarque para aproveitar os restaurantes, fazer compras e conhecer mais do centro histórico. “Os turistas que descem dos navios normalmente vão para as praias do Jabaquara, Curral e Castelhanos. Outros aproveitam as barracas da praia da Vila, consomem petiscos e compram souvenirs”, disse o presidente da Associação Comercial e Empresarial, Wilson Santos. O receptivo turístico de Ilhabela conta com 16 vans (com ar), cada uma com cer-

Turismo, a principal fonte de renda. Uma indústria de valor

ca de 15 lugares, 80 jipes, 6 embarcações e 20 táxis. São esses os meios de transporte encarregados de levar os turistas às praias, cachoeiras e pontos turísticos. A temporada de cruzeiros segue nas próximas semanas com mais cinco escalas, a última do mês de janeiro será no dia 31, com o MSC Orchestra, que vem do Rio de Janeiro e segue para Buenos Aires.

Márcio pede a vereadores que Casa da Princesa seja ocupada por pouco tempo O prefeito de Ilhabela Márcio Tenório esteve reunido na manhã de hoje, segunda-feira (9), com os vereadores do arquipélago. Entre os assuntos abordados, Tenório pediu o compromisso de que a Casa da Princesa seja utilizada como sede da Câmara Municipal até que outro prédio seja construído para abrigar o Poder Legislativo. “Realizamos todo o nosso trabalho pautado no que a população se manifestou como melhor para a nossa Ilha, e essa população foi contra essa mudança. Então, para que os serviços não fiquem prejudicados, gostaria de firmar o compromisso de a Casa ser utilizada num período de 12 a 18 meses, tempo em que iremos procurar um novo espaço para abrigar o legislativo”, salientou Tenório. Durante a reunião, o ex-vereador Carlos Alberto de Oliveira Pinto foi anunciado como o responsável pela articulação entre os poderes, assim como com a sociedade civil organizada e população. Tenório também falou sobre a necessidade em manter os poderes independentes pautados no respeito e no diálogo. “Encerramos um certame difícil, mas acredito que começamos hoje uma conversa importante em prol de uma administração que utilizará os recursos com muita responsabilidade. Os poderes devem ser livres, mas parceiros nas ações que visam a nossa população. Não podemos esquecer que a mesma expectativa que a população tem em nosso governo, também foi depositada no mandato de cada vereador eleito”, disse o prefeito. Márcio Tenório aproveitou para explicar como está montando a sua equipe de trabalho,

Foto: Rodrigo Zapelli/PMI

Prefeito recebeu vereadores e quer bom relacionamento

das dificuldades que encontrou ao assumir a prefeitura e que precisará do apoio da Câmara para decidir o que fazer com todos os grandes problemas herdados, como a obra do Teatro, que se encontra parada, o Aquabus, e demais pendências que requerem ampla discussão, já que envolvem investimentos de recursos públicos. “Não tivemos acesso aos dados durante a transição, então agora estamos fazendo esse trabalho junto com o funcionalismo que já começou o ano enfrentando algumas dificuldades de trabalho”, esclareceu. Segundo informou a Câmara Municipal, serão necessários 15 dias para que a mudança para a Casa da Princesa seja concluída e o atendimento público normalizado. O prefeito encerrou a reunião reforçando a necessidade da comunicação entre os poderes e afirmando que muitas coisas ainda irão avançar. “Reforço sempre que o nosso compromisso é com a população, por isso, precisamos prestar o melhor serviço enquanto gestores públicos”, finalizou.


06

Canal Aberto 511 | 13 de janeiro de 2017 | www.jornalcanalaberto.com.br

SOCIAL | DESTAQUES

Fotos: Ronald Kraag

MEIO AMBIENTE

Fotos: Divulgação/PMI

Defesa Civil remove 5

01.

árvores da via de Castelhanos

02. 03.

04. 05.

06. 1 - A senhora Júlia Aparecida de Oliveira, artesã que reside em Ilhabela há décadas se prepara para receber os parabéns relativos aos 80 anos bem vividos, na segunda quinzena de fevereiro. Feliz da vida com netos, bisneto e com a posse do filho Nuno Gallo, na Secretaria de Cultura. De bem com a vida a dona Julinha | 2 - A Veterinária responsável pelo Centro de Animais da Prefeitura dá atenção especial aos donos de animais domésticos que chegam à sua repartição. Quem passou por lá outro dia foi o Ronald, com a cadela “Mel”, para delicada cirurgia | 3 - A seleção de futebol de Ilhabela fez uma recepção das melhores (como de costume) para os integrantes da delegação do Velo Clube Rioclarense, da importante e centenária cidade de Rio Claro, cujo treinador é Álvaro Gaia (o moço de Tupã) | 4 - A equipe do Velo Clube treinou e descansou durante 10 dias na cidade, recebendo atenção, carinho e admiração, principalmente pela educação e respeito dos atletas | 5 - Com a escala de navios de cruzeiro na cidade, não são poucos os turistas que aportam para conhecer a natureza e mesmo deliciar-se nos restaurantes, bares e quiosques de praia. Neste final de semana serão milhares a conhecer Ilhabela | 6 - A rotatória da Barra Velha, defronte a Secretaria de Turismo é um dos pontos pitorescos da cidade, com o mapa gigante que a prefeitura implantou, polarizando a atenção de muita gente. Turistas aproveitam para os registros |

LEGISLATIVO

Câmara de Ilhabela elege cinco

Comissões Permanentes. Trabalho profícuo Na sexta feira (6/1), os vereadores da Câmara Municipal de Ilhabela elegeram as Comissões Permanentes, responsáveis por análises técnicas, pareceres e decisões prévias, antes de irem a plenário os Projetos de Leis originários do Executivo. Depois de muita discussão, as cinco Comissões Permanentes foram constituídas, ficando assim: Comissão de Justiça e Redação Presidente – Thiago Souza Santos – SD Vice-Presidente – Luiz Paladino de Araújo – PSB Membro – Cleison Ataulo Gomes - DEM Comissão de Finanças e Orçamento Presidente – Anísio Antonio de Oliveira Filho - DEM Vice-Presidente – Maria Salete Magalhães Alves – PSB Membro – Valdir Veríssimo de Assunção – PPS Comissão de Obras, Serviços Públicos, Atividades Privadas e Defesa do Meio Ambiente Presidente – Luiz Paladino de Araújo - PSB Vice-Presidente – Thiago Souza Santos - SD

Membro – Antonio Marcos Silva Batista – DEM Comissão de Educação, esportes, Cultura, Turismo, Saúde, Ação Social e Cidadania Presidente – Gabriel Augusto de Oliveira Souza Rocha – SD Vice-Presidente – Anísio Antonio de Oliveira Filho – DEM Membro – Maria Salete Magalhães Alves - PSB Comissão de Fiscalização Financeira e Controle Presidente – Antonio Marcos Silva Batista – DEM Vice-Presidente – Valdir Veríssimo de Assunção – PPS Membro – Gabriel Augusto de Oliveira Silva Rocha – SD Com a constituição das Comissões Permanentes a Câmara Municipal de Ilhabela está composta, assessores nomeados e os trabalhos que já se iniciaram com a sessão extraordinária, no período de recesso, aguardam a primeira sessão ordinária da atual legislatura, biênio 2017 - 2018.

Defesa Civil começa a atuar efetivamente, atendendo todas as necessidades

Na manhã de segunda-feira (9), uma equipe da Devesa Civil de Ilhabela atendendo à solicitação do Instituto Florestal, esteve na estrada da praia de Castelhanos para a remoção de cinco árvores. As espécies estavam mortas e corriam o risco de cair. A secretaria de Serviços Municipais enviou um operador de máquinas para auxiliar na remoção dos troncos, que após cortados em pedaços menores são colocados ao longo da estrada, pois não

podem ser jogados ribanceira abaixo para não danificar a natureza, seguindo as normas do Instituto Florestal. “Esse trabalho preventivo será efetuado com frequência para que não ocorra o fechamento da estrada e nenhum acidente por tombamento de árvore”, esclareceu o diretor da Defesa Civil, André Frederico. Pedaços do tronco das árvores serão enviados para análise, para saber qual peste que as deixou doente.


Canal Aberto 511 | 13 de janeiro de 2017 | www.jornalcanalaberto.com.br

07

AQUI | MULHER

Desapego, uma necessidade Fernando Siqueira Não é da modernidade a necessidade do desapego, diz a maioria. É uma tomada de posição que demonstra, antes da organização, de um privilégio de quem consegue se desapegar de tudo, fazendo uma faxina geral em casa: no guarda roupas, na cozinha, nas estantes de livros lidos e relidos e que vão ficando carentes de uma limpeza semanal, para tirar a poeira, o mofo, esse bolor que chega e fica, originário da umidade do ar muito mais presente e freqüente, para quem mora a beira mar. Desapego é a palavra da atualidade e que muita gente acaba deixando de lado e vai acumulando. Roupas – algumas do século passado -, coisas lindas, daquela época e que, por apego mais emocional que racional vão ocupando espaço cada vez mais limitado nas residências. É difícil desapegar, dizem algumas

pessoas, tanto mulheres quanto homens. Hoje, sem qualquer dúvida, as mulheres reconhecem a necessidade de desapegar, com muito mais freqüência do que os homens. Estes costumam dizer que um par de tênis ou de sapatos usados já têm a forma dos pés e eles vão ficando, ocupando espaço e, quase nunca usados. Há gente necessitada que pode ou deve ser socorrida, da atenção de quem tem para doar, diretamente ou através de uma entidade ou mesmo da Secretaria de Desenvolvimento Social da cidade. Ela sempre tem uma relação de quem precisa e deixa à disposição dos que procuram. Então mulher, não se esqueça, há um verbo atualíssimo e que pode ajudá-la bastante na recomposição de um melhor aspecto para o seu lar; é desapegar. Experimente, tente e veja que os resultados serão ótimos e lhe darão mais ânimo para viver em uma casa diferente, arejada, até sem mofo que prejudica o seu bem estar.

Monica C.A.Cuono Psicóloga

(12) 3896-1710 Santa Casa de

Misericórdia de Ilhabela MOMENTO LIONS

Spa - beleza e cuidados pessoais

Cabeleireira e maquiadora Cleide Costa Santos

Rua Benedito dos Anjos Sampaio, 52, Sala 4, Barra Velha Ilhabela - Tel: (12) 3895 1092/98192 0541

Tempo de recesso, mas nem tanto. O mundo todo tem conhecimento de que, mesmo durante o período de recesso, nas festas de fim e começo de ano, Lions Internacional não se retrai e continua a desenvolver os seus programas, atualizando atendimentos, mantendo-os e fica na expectativa das emergências que necessitam de sua presença. No Rio Grande do Sul, nos dias atuais, quando se registraram acontecimentos desastrosos e destruíram parte de algumas cidades, os Lions Clubes dos Distritos da região marcaram presença e os Companheiros arregaçaram as mangas, para atender as necessidades de momento. É assim que acontece, no Brasil e no exterior. Por nosso lado, no Distrito LC-5 “PIP Augustin Soliva”, há ações que transformarão em realidade os sonhos do CL Governador Edson Neves. E isso só acontecerá com a união de esforços dos Companheiros Leões, homens e mulheres de boa vontade que praticam o bem, prestam serviços e oferecem à comunidade em que vivem o amor desinteressado. Com quase um milhão e meio de associados, em todo o mundo, Lions Internacional confia em cada um dos seus integrantes, justamente porque eles desenvolvem essa missão há quase 100 anos. No centenário de Lions Internacional deseja o Presidente Chanceler Bob Corwel mostrar que é possível encontrar novos caminhos para servir, adotando o slogan “Escalar Novas Montanhas”, que se faz conhecido em virtude da divulgação registrada no dia a dia, em cada um dos clubes (quase 50 mil) espalhados em todos os continentes. Ilhabela possui uma célula de Lions Internacional, há 22 anos servindo e realizando com amor muitas ações pela comunidade. No dia 26 próximo os CCLL de Ilhabela voltarão a se reunir, reiniciando trabalhos da agenda da atual gestão.


08

Canal Aberto 511 | 13 de janeiro de 2017 | www.jornalcanalaberto.com.br

OBRAS

Foto: Divulgação

Museu Náutico vai permanecer

fechado ao público. Uma questão de ordem Segundo a Secretaria de Cultura e Fundaci, após o início da nova gestão, foi constatado que o local ainda se encontra com obras inacabadas e, portanto, o espaço permanecerá fechado ao público até a conclusão do projeto. O Museu foi fechado em 13 de dezembro de 2016, para execução de reforma e revitalização do espaço, e sua reabertura aconteceu em 30 do mesmo mês, mas sem a finalização das obras. Visando o bom atendimento ao público, que espera encontrar o Museu em perfeito estado, o Secretário Municipal da Cultura e Presidente da Fundaci, Nuno Gallo, optou por mantê-lo fechado até a conclusão dos trabalhos. Trata-se de uma medita salutar para não registrar transtornos, principalmente aos

Museu Náutico fica na Antiga Cesp e é um grande atrativo

visitantes que desejam conhecer o importante setor cultural na área náutica de Ilhabela.

Abertas as incrições para novas

Oficinas da Fundaci. Cultura está acelerada A Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Cultura e a Fundaci – Fundação Arte e Cultura de Ilhabela, informa que já estão abertas as inscrições para as oficinais culturais. As modalidades disponíveis são: ballet, dança de rua, dança estilo livre, mosaico, desenho e pintura, teatro, violão, cavaquinho, teoria musical, trombone, tuba/trompete e coral. As inscrições podem ser feitas: FUNDACI - Centro Cultural da Vila R. Santa Tereza, 174 – Tel: (12) 3896.6069 FUNDACI - Água Branca Av. Ernesto de Oliveira, 315 – Tel: (12) 3896.1356

Espaço Galpão das Artes (Cocaia) Rua da Cocaia, 720 – Tel: (12) 3896.3977 Espaço Guri – Barra Velha Rua Ernesto de Oliveira, 996 – Tel: (3895.5817 FUNDACI - Pereque Av. Princesa Isabel, 1682 – Tel: (12) 3896.5817 FUNDACI – Centro Cultural Roberto Fazzini - Praia Grande Av. Riachuelo, 1929 – Tel: 3894.1448 Espaço Sede do Reino Av. Benedito de Paula Casiano, 70 – Tel: (12) 3896.4138.

ETERNO APRENDIZ

Leitura, hábito devia ser muito freqüente Ler a Bíblia pode não ser agradável para muitos, mas é uma leitura sadia e tem resposta para tudo e todos. Porém, a leitura não pode ser apenas bíblica. Ele deve ser mais aberta, genérica e, por assim ser, esse hábito deve começar na primeira idade, na infância se possível. Há pessoas que tem a paixão pela leitura, outras têm verdadeiro amor pelos livros, mas há os que não lêem jamais, sequer abriram um jornal para ter informações sobre acontecimentos quaisquer e detestam noticiários de televisão. Informam-se de quando em vez, pelos outros. Há outros que se apegam a noticiários de todas as formas, e, na atualidade, quando o tempo real das informações – boas ou más – chegam pela internet, graças às redes sociais e dão os seus pitacos; às vezes extrapolam. Leitura devia ser um hábito comum. Livros, ah como é bom ler! Leitura leva (ou traz) a experiência. Certa vez, presidente de

uma multinacional adotou o hábito da leitura para os seus comandados. Uma vez por semana se reunia com os seus colaboradores e levava ao encontro um livro. Abria o livro aleatoriamente, lia um trecho da página e comentava, para, em seguida dizer que gostaria que eles se manifestassem sobre o que foi lido. Depois de algum tempo percebeu que o interesse da maioria se voltava para a leitura de livros que muitos desconheciam. Foi nesse diapasão que abriu novos caminhos e “o hábito fez o monge”. Não mais que de repente as manifestações de apreço à leitura de disseminou e eles é que perguntavam se podiam fazer uma leitura de determinado trecho interessante e que entendiam poder atender a expectativa dos demais. A primeira manifestação foi do presidente da empresa, quando soube da grande novidade: “___ah, se eu soubesse, ele disse, teria começado bem antes”. Então, comece a ler, sempre é tempo de investir em si mesmo.

Jca 511  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you