Page 1

Centro de Ajuda, acreditamos em si como ninguém! EDIÇÃO Nº 542 ❚ Ano 11 ❚ De 11 a 17 de maio de 2014 ❚ Edição Nacional e Ilhas ❚ Jornal de distribuição gratuita ❚ 63.000 exemplares

Siga-nos no facebook!

entrevista... PÁG. 03

“É preciso romper com a submissão do país à UE” Diretor: João Filipe

■ João Ferreira, 34 anos, é o candidato pela CDU às Europeias de 25 de maio. O eurodeputado defende que é necessário devolver aos portugueses tudo aquilo que lhes foi retirado

f o l h a d e p o r t u g a l . p t

Mini Olimpíadas do TF teen portugal... PÁG. 10

DIOGO MOURINHA

■ O grupo TF Teen reuniu-se para um grande evento assinalado em todo o país, carregado de pura diversão, com sorteio de prémios, jogos, competições, apresentações e muito mais nacional...

PÁGS.6I/7I

TEMA CAPA... PÁGS. 06/07 PÚBLICO

Pastor da IURD esfaqueado em Lisboa ■ Um pastor da Igreja Universal foi brutalmente atacado por um indivíduo no final de uma reunião no templo do Império, em Lisboa economia... PÁG. 11

DEO agridoce para 2015 ■ Documento de Estratégia Orçamental é apresentado como uma garantia para a troika de que o ajustamento continua depois da sua retirada oficial reportagem... PÁG. 12

“Dark net”, o lado escuro da web ■ Os motores de busca comuns, como o Google, conseguem aceder apenas a uma pequena parte do conteúdo da Internet

ANDRÉ KOSTERS/LUSA

Será que a violência escolar diminuiu? ■ No último ano letivo, a violência nas escolas registou uma diminuição para menos de metade diz

o secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário, mas há investigadores na área da educação que duvidam da veracidade dos dados


02

e

m foco /// BEYONCÉ É A ARTISTA AFRO-AMERICANA + BEM PAGA DE SEMPRE folhadeportugal.pt

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

Tenha uma boa leitura!

GREGÓRIO CUNHA/EPA

oje em dia muito tem sido dito e escrito sobre a violência entre os mais novos, principalmente no universo escolar. Mas esta situação não é um problema recente, parecendo, no entanto, estar a tornar-se cada vez mais frequente e a aumentar de intensidade. Ouve-se falar em crimes cada vez mais violentos, tais como jovens que entram em escolas e esfaqueiam outros que já lá estavam. Um termo ainda muito em voga nos dias que correm é o bullying, visto que muitas crianças são abusadas tanto física como sexual e verbalmente. Muitos menores passam por momentos muito difíceis, perdendo até a vontade de ir para a escola e começando a ficar com sintomas de depressão. São conhecidos casos de crianças que até se suicidaram. Todas estas situações já eram registadas no nosso tempo de escola, pois a violência quer física, quer verbal, sempre esteve presente na vida dos jovens, mas o que marca mais a diferença atualmente são as variáveis externas ao meio escolar. Hoje, a sociedade é muito mais stressante e estamos sempre numa tremenda correria, o que leva os próprios progenitores a terem menos tempo disponível para cuidarem e orientarem os seus “rebentos”, o que, por sua vez, os deixa sem apoio. A acrescentar a todos estes sinais dos nossos dias temos ainda o advento da Internet e, consequentemente, das redes sociais. Agora é muito mais fácil comunicar com pessoas que estão distantes, mas os perigos e os riscos são maiores. Ora o que se observa no que diz respeito à violência entre os jovens é um reflexo dos problemas da sociedade atual, devido, por exemplo, às mudanças que se registaram a nível da constituição das famílias. É muito importante que os pais tenham atenção aos sinais que os filhos vão dando, sejam eles grandes ou pequenos, pois esta pode ser a diferença entre ter um filho com problemas psicológicos ou no universo escolar. Cuidar dos filhos representa plantar uma semente para, no futuro, ter um adulto com bom caráter e com mais probabilidades de ser bem-sucedido.

FESTA DA FLOR: Vestidos com flores, homens, mulheres e crianças participam na parada da Festa da Flor, no Funchal, que celebra a chegada da primavera e é uma das maiores atrações turísticas da ilha da Madeira PUB

“Querem ganhar dinheiro à nossa custa! CRISTINA FERREIRA E MANUEL LUÍS GOUCHA, VIP

PÚBLICO

H

“Disse ao Ministério Público: Por amor de Deus, mandem-me prender”

“Sou uma pessoa muito emocional e vivo intensamente as alegrias e as tristezas”

JOSÉ ALBERTO CARVALHO, CORREIO DA MANHÃ TV LUX.IOL.PT

Violência nas escolas?

MANUEL LINO/LUX

João Filipe Diretor

LEONOR POEIRAS, SAPO FAMA

“Todos enfrentamos desafios na vida” CHRIS MARTIN, CARAS

“O enorme aumento de impostos foi para mim uma enorme violação de consciência”

PÚBLICO

editorial

semflash...

E

PAULO PORTAS, ECONOMICO.SAPO.PT

“Sou apaixonada pelo Daniel, é o amor que desejo para a vida” ANDREIA RODRIGUES, CARAS

FOLHA DE PORTUGAL ALAMEDA D. AFONSO HENRIQUES, Nº 35 (ANTIGO CINEMA IMPÉRIO) 1000-123 LISBOA TEL: 210 300 971 FAX: 210 300 999

Diretor: João Filipe jf.d@folhadeportugal.pt Editor: IURD Redação: Carla Vaz, Isabel Barbosa e Joana Oliveira Copydesk: Carla Vaz Assistente de Redação: Cláudia Pereira Paginação: Eliane Rosa, Bárbara Domingos e Paulo Cabral Correio do Leitor / Publicidade geral@folhadeportugal.pt Todas as fotografias e imagens que não estão devidamente identificadas, reservam-se os direitos de autor

FOLHA DE PORTUGAL Título registado no ERC com o nº 125046 Propriedade: IURD Sede administrativa: Praceta Professor Francisco Gentil, nº 3 - Póvoa de Santo Adrião - Lisboa NIPC: 592001679 Periodicidade: Semanal Impressão: Rafik Comunicação e Imagem Unipessoal, Lda. - Sítio da Bemposta, nº 1, 1A e1B, Longo da Vila - Mafra Tiragem: 63.000 exemplares Depósito Legal: 322699/11 Distribuição: Gratuita Circulação: Portugal Continental e Ilhas

A FOLHA DE PORTUGAL NÃO SE RESPONSABILIZA NEM PELAS INFORMAÇÕES CONTIDAS NAS CARTAS DOS LEITORES, POIS ELAS NÃO EMITEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO JORNAL, NEM PELA AUTENTICIDADE DOS ANÚNCIOS PUBLICADOS


03

s

ete dias /// LIBERTAR O PAÍS É FUNDAMENTAL

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

folhadeportugal.pt

especial europeias JOÃO FERREIRA

“DEVOLVER AO PAÍS TUDO O QUE É DO PAÍS”

-

Com 34 anos, João Ferreira foi em 2013 candidato pela CDU à câmara municipal de Lisboa

Folha de Portugal: Porque é que acha que a escolha para cabeça de lista destas eleições caiu sobre si? João Ferreira: É certo que sendo importante esta responsabilidade de ser primeiro candidato da CDU, não quero deixar de destacar o facto de que esta é uma lista cheia de candidatos com muitas e boas capacidades. Pessoas ligadas a setores muito diferentes do panorama nacional, gente com um conhecimento profundo desses setores, que fazem desta uma lista cheia de bons candidatos. O que pesou na escolha do primeiro desses candidatos... Admito que o trabalho desenvolvido nestes últimos anos tenha alguma influência. F.P.: Que balanço faz deste mandado que agora termina? J.F.:Foram cinco anos de trabalho muito intenso, nos quais o país seguiu um caminho de declínio e de empobrecimento que já vinha a percorrer, mas que se agudizou. As pessoas têm ideia dos deputados como alguém que está lá longe, mas isso é errado. Só na primeira metade do mandato fizemos mais de 400 iniciativas por todo o país, percorremos todos os distritos de Portugal, com dois grandes objetivos: trazer o conhecimento de lá, de tudo o que estava a ser decidido e que tinha influência no plano nacional e, por outro lado, levar daqui e dessas reuniões com agricultores, pescadores, autarcas, pequenos e médios empresários, associações, etc, a realidade para lá. F.P.: Quais são as linhas da CDU para estas eleições? J.F.: O caminho que Portugal tem seguido, se não for invertido, pode comprometer a própria viabilidade do país como independente e soberano. Temos que libertar o país de um conjunto de mecanismos pouco conhecidos que foram tecidos ao nível da União Europeia (UE), como o Tratado Orçamental, uma governação económica ou um semestre europeu... Pouca gente saberá do que estamos a falar. Mas estes são mecanismos que condicionam e condicionarão o progresso do país. É preciso romper com a submissão do país a políticas e orientações da UE que são prejudiciais aos nossos interesses e à esmagadora maioria da nossa população.

Precisamos aproveitar o enorme potencial e a riqueza do nosso país. Portugal não é um país pobre, é um país que foi empobrecido, o que é muito diferente. Depois temos que devolver ao país tudo o que lhe foi retirado nos últimos anos. É preciso retomarmos o controlo público sobre setores estratégicos da nossa economia. É muito evidente que uma mesma política económica, orçamental, monetária não se adequa a situações que são muito diferentes. Podem ser adequadas a situações de países como a Alemanha, mas facilmente verificamos que as nossas necessidades são muito diferentes, a todos os níveis. Portugal não pode continuar a estar submetido a políticas que são decididas em Frankfurt ou em Bruxelas, desadequadas da nossa realidade. F.P.: A abstenção é uma preocupação? J.F.: É uma preocupação grande. É preciso mostrar às pessoas que se o descontentamento e a revolta que sentem, as levar a ficar em casa no dia das eleições, não servirão de nada. Serão sempre eleitos 21 deputados e a grande questão é se vamos ter deputados que defendam os interesses do país ou não. Aqueles que estão satisfeitos com a situação que hoje temos vão

bi

JOANA OLIVEIRA ■ jo.r@folhadeportugal.pt *COM ISABEL BARBOSA

FOTOS PAULO CABRAL

João Ferreira, 34 anos, é o candidato pela CDU às Europeias de 25 de maio. O atual eurodeputado defende que é necessário e fundamental devolver aos portugueses tudo aquilo que lhes foi retirado

¢ João Ferreira, 34 anos, é visto como um sinal de rejuvenescimento do partido. Biólogo de formação e atual eurodeputado no Parlamento Europeu, foi também em 2013 a aposta da CDU para a câmara municipal de Lisboa. É o fundador e foi o primeiro presidente da Associação de Bolseiros de Investigação Científica de 2003 a 2007. No PE é vice-presidente do Grupo Confederal da Esquerda Unitária Europeia/Esquerda Verde Nórdica.

o que são as orientações da UE, com o que são os seus tratados. "É PRECISO É preciso construir CONSTRUIR POR por cima das ruínas da UE uma nova CIMA DAS RUÍNAS Europa, que se baseie DA UE UMA numa relação entre iguais, de Estados NOVA EUROPA” livres e soberanos e iguais em direitos, independentemente da sua dimensão. votar; se os que estão descontentes não decidem Não aceitamos que estados mais populosos levar o seu descontentamento até ao voto e imponham a outros qual deve ser o seu caminho dar mais força àqueles que têm defendido um e acreditamos numa Europa de cooperação entre estados soberanos, em que se procure o caminho diferente deste, como é o caso da CDU, então será mais difícil mudarmos as coisas. benefício mútuo e não o benefício de uns à custa do prejuízo de outros. F.P.: Há quem defenda que a crise na Europa F.P.: Portugal deve abandonar a moeda única? foi provada por erros de liderança. Acha que é possível reformar a UE? J.F.:O país tem que se preparar para esse cenário. J.F.: Não se podem arrumar as razões da crise de Primeiro, porque a saída do euro pode-nos uma forma tão simplista. Mais do que questões ser imposta e não estamos livres de que, por de liderança como muitos dizem, há problemas desenvolvimentos na crise da zona euro, o país de fundo na UE, que têm que ver com as políticas não se veja confrontado com a imposição de uma comuns seja de pescas ou de agricultura, com saída. Por outro lado, porque sabemos que o euro

representa hoje para o país um instrumento de dominação, empobrecimento e dependência. Mas precisa de o fazer de uma forma responsável e com uma preparação cuidada. A grande questão é quem e em nome de que interesses vai conduzir essa saída. Dependendo disso, a saída pode libertar o país e criar condições para um desenvolvimento sustentado fora do euro ou pode-nos trazer uma situação pior ainda do que aquela que temos agora, transformando-se num cenário desastroso. F.P.: Que importância têm estas eleições para Portugal? J.F.: Para além de servirem para elegermos aqueles que serão os 21 deputados portugueses no PE, são uma oportunidade de decidirmos se esses deputados vão defender os interesses do nosso país ou, pelo contrário, vão aceitar passivamente e de forma submissa todas as decisões, mesmo que sejam contrárias aos interesses nacionais. No contexto em que o país se encontra, elas adquirem uma importância ainda maior porque vai ser a oportunidade para os portugueses mostrarem a insatisfação, o descontentamento perante a situação atual do país e de sinalizar o caminho alternativo que querem para Portugal.


04

sete dias ///

PORTUGAL ESCOLHE “SAÍDA LIMPA”

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

folhadeportugal.pt

aconteceu

marcas

IMPD condenada a pagar

11/05/1949

do

"Ex-pastor" da Mundial foi "convencido" a confessar crime que não cometeu e que teria acontecido durante um "culto" ■ A Igreja Mundial do Poder de Deus (IMPD) de Valdemiro Santiago viu o Tribunal de Trabalho de Araçatuba, a pouco mais de 500km de São Paulo, decretar o pagamento de uma indeminização a um “ex-pastor” pelo tempo em que esteve na Igreja, noticiou o site escoladepastor.com.br. A decisão do juiz Maurício Takao Fuzita condenou a Igreja a pagar todos os direitos de trabalho ao “ex-pastor” e o valor da indeminização irá ser calculado com base no seu salário, 1.825 reais. A IMPD ficou ainda obrigada

❙ Josivaldo Batista

temp

Sião muda o nome para Tailândia.

12/05/1987

O antigo território português de Goa passa a 25º Estado da Índia.

13/05/2009

O Presidente brasileiro Lula da Silva é distinguido com o Prémio Félix Houphouet-Boigny para a procura da paz.

14/05/1941

ao pagamento do aviso prévio, dos subsídios de férias, dos subsídios de natal, do seguro de desemprego e da indeminização por danos morais. O “ex-pastor” estava na referida congregação desde 1998 e, aos 34 anos, era responsável por várias “igrejas”. Este “ex-pastor” afirma que foi induzido a confessar um crime que não cometeu, o qual tinha ocorrido durante um “culto”, e chegou mesmo a “celebrar cultos” com segurança privada.

II Guerra Mundial. 3.600 judeus são presos em Paris, pelas forças nazis de ocupação.

15/05/1969

São inauguradas as instalações da Biblioteca Nacional, no Campo Grande, em Lisboa.

16/05/1832

É criado o Supremo Tribunal de Justiça.

17/05/1928

❙ Valdemiro Santiago

São inauguradas as comunicações telefónicas entre Lisboa e Madrid.

a sua saúde

O seu corpo pode ter falta de Vitamina D

As fontes alimentares podem não ser suficientes para garantir a dose de vitamina D diária que o nosso corpo necessita

nos ossos e músculos e as articulações estão mais duras quando se levantam de manhã. ✓ Sentir-secabisbaixo/a: A vitamina D melhora os níveis do neurotransmissor de serotonina, que, por sua vez, contribuiu para melhorar a boa disposição. ✓ Se tem 50 anos ou mais: A pele deixa de produzir tanta vitamina D à medida que envelhece e os rins começam a ser menos produtivos quando se trata de converter a vitamina D em algo rentável para o nosso corpo. ✓ Peso a mais: Maior concentração de gordura corporal afeta os níveis de vitamina D no sangue.

■ Sem luz solar, a vitamina D recebida pelos alimentos é insuficiente, as crianças correm maior risco de raquitismo, amolecimento dos ossos, e os adultos correm maior risco de osteoporose. Existem alguns sinais que podem indicam um défice de vitamina D. ✓ Dor nos ossos: Especialmente no inverno, os adultos sentem mais dores

✓ Pele mais escura: A nossa pigmentação é o nosso próprio protetor solar. Um protetor solar de nível 30 reduz a capacidade da pele para produzir vitamina D, em 97 por cento. Quem tem a pele muito escura precisa de até 10 vezes mais da quantidade de exposição ao sol, do que alguém com uma pele muito pálida, para fazer a mesma quantidade de vitamina D. ✓ Transpiração na cabeça: É um dos primeiros sinais clássicos de deficiência de vitamina D. Se transpirar demasiado na zona da cabeça é porque

não recebe as quantidades necessárias de vitamina D. ✓ Problemas de intestino: Pessoas com doença celíaca de Crohn ou doença inflamatória intestinal correm maior risco de deficiência de vitamina D, devido à forma como essas condições gastrointestinais afetam a absorção de gordura, o que por sua vez reduz a absorção de vitaminas solúveis em gordura, como a D. FONTE: VISAO.SAPO.PT

números

IVA para 23,25%

❚ O Governo vai aumentar a taxa normal do IVA em 0,25 pontos percentuais em 2015, para os 23,25%, revertendo a receita adicional “integralmente para os sistemas de pensões”, de acordo com o Documento de Estratégia Orçamental (DEO).

7 Aumento toneladas de 1,2%

❚ A câmara de Mogadouro oferece aos agricultores do concelho cerca de 7 toneladas de sementes de soja, de modo a estimular a economia agrícola da região através do plantio de soja. Os agricultores receberam acompanhamento técnico especializado.

❚ A Comissão Europeia confirma as previsões para a economia portuguesa avançadas pelo Governo e em linha com a revisão da 11ª avaliação, esperando que Portugal cresça 1,2% em 2014 e 1,5 em 2015. A taxa de desemprego atingirá os 15,4%.

6 navios

❚ Lisboa recebeu no dia 06 de maio os navios Queen Mary 2, Queen Elizabeth 2 e o Queen Victoria, pela primeira vez. Para além destes, mais três navios de cruzeiro atracaram em Lisboa, trazendo 18 mil pessoas à cidade.

2 mortos

❚ Dois imigrantes afogaram-se e dezenas estão desaparecidos, depois dos barcos onde seguiam terem naufragado, ao largo da Grécia. Cerca de 65 imigrantes de nacionalidade desconhecida tentaram atravessar o Mar Egeu, a partir da Turquia. *COM LUSA


05

sete dias

A post-it

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

MAIS RICOS

Mais mortos

❚ De acordo com um estudo da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico a que a Lusa teve acesso, 1% dos cidadãos mais ricos da maioria dos países da OCDE detém uma percentagem cada vez maior do rendimento total.

❚ Segundo a TVI24, em 2013 morreram quase mais 24 mil pessoas do que aquelas que nasceram. A diferença entre nascimentos e óbitos nunca foi tão elevada em Portugal, salientou o mesmo órgão de comunicação.

13ME

❚ A secretária regional da Cultura, Turismo e Transportes da Madeira revelou à Lusa que a edição deste ano da Festa da Flor, que começou no dia 1 e se prolonga até 11 de maio, representa um encaixe de 13 milhões de euros na hotelaria regional.

a sua carreira

O que é que a sua secretária reflete?

Seguradoras

HOMEM DE GOUVEIA/LUSA

❚ As companhias seguradoras registaram anualmente um sinistro grave ligado ao clima desde 2006, o que levou ao pagamento de 320 milhões de euros a 65 mil segurados, explicou o presidente da Associação Portuguesa de Seguradores à Lusa.

pelo mundo NIGÉRIA

Rapto de raparigas (parte 2)

❚ O líder do grupo extremista islâmico Boko Haram reivindicou o sequestro de mais de 200 raparigas em abril no nordeste da Nigéria e afirmou que estas vão ser tratadas como “escravas”, “vendidas” e “casadas” à força.

ESPANHA

Menos desempregados ❚ Em abril, o número de desempregados inscritos nos centros de emprego espanhóis caiu em 111.565 pessoas, uma descida de 2,3% face a março, a maior queda desde o início da série histórica em 1996.

VENEZUELA

Tortura de opositores ❚ As forças de segurança venezuelanas cometem “graves abusos” contra os manifestantes antigovernamentais e praticam a tortura contra dissidentes políticos, revelou um relatório divulgado pela ONG Human Rights Watch.

SUÍÇA

Aumento da poliomielite

❚ A Organização Mundial de Saúde decretou uma emergência sanitária mundial devido ao aumento dos contágios de poliomielite nos últimos seis meses, após terem sido detetados casos em mais *COM LUSA de uma dezena de países.

■ Mesmo sem poder falar, a

sua área de trabalho revela muito sobre a sua pessoa, tanto pelos objetos que lá estão como pelo modo como está organizada. Por isso, damos-lhe algumas dicas para descobrir o que pode revelar a sua secretária sobre o seu perfil profissional.

Tipo de objetos O profissional Alguém que tem um ou dois objetos pessoais na sua secretária, sabe equilibrar as áreas pessoal e profissional, sem ser muito rigoroso.

O rígido A sua secretária não possui qualquer elemento de cariz pessoal, pois o trabalho e a vida pessoal não se misturam. Poderá acabar assim por passar uma imagem de alguém frio ou pouco à vontade no seu ambiente de trabalho. O “caseiro” Alguém para quem a secretária é como se fosse “a sua segunda casa”, exibindo os mais diversos tipos de recordações. Reflete a personalidade do seu ocupante e mostra que a pessoa está bastante confortável naquele espaço. FONTE: EMPREGO.SAPO.PT

3

PUB

sábados da Blindagem do Amor

Coração Blindado

VENHA PARTICIPAR!

NESTES 3 SÁBADOS, ÀS 19H, NA TERAPIA DO AMOR

SÁBADOS

✗ 03 DE MAIO ✗ 10 DE MAIO

17 DE MAIO

-

Um toque pessoal transmite uma sensação de conforto no local de trabalho e a dose certa de autoconfiança

CENTRO DE AJUDA DA ALAMEDA - IMPÉRIO: Alameda D. Afonso Henriques, nº 35 - Lisboa (próximo da estação de metro da Alameda) CENTRO DE AJUDA DO PORTO: Rua Egas Moniz, nº 485


06

tema capa ///

Alunos entre os 14 e 16 anos são os mais agressivos

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

folhadeportugal.pt

Violência escolar

diminuiu, mas ainda há muito a fazer Foi esta a conclusão a que chegou o ministério da Educação, estando já a preparar ações com o objetivo de erradicar a indisciplina dos estabelecimentos de ensino nacionais Carla vaz ■ cv.r@folhadeportugal.pt

A

violência nas escolas registou uma diminuição para menos de metade quando comparada com as ocorrências referidas nos últimos cinco anos letivos. De acordo com o relatório Segurança na Escola para os anos letivos de 2011/2012 e 2012/2013,

apresentado no início deste ano, os atos contra a integridade física ou contra a honra das pessoas diminuíram e 95,5 por cento das escolas públicas não participou qualquer ocorrência durante o ano letivo de 2012/2013. “Não estamos satisfeitos com o número de ocorrências, apesar de terem diminuído drasticamente, mas

queremos acima de tudo tornar isto tudo muito transparente, para que a sociedade se envolva na resolução

Violência escolar diminuiu para menos de metade

deste problema”, explicou, na altura, o secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário. João Grancho garantiu que as escolas que registaram mais situações de violência serão objeto de avaliação e poderão ser alvo de medidas, tais como o aumento da resposta das equipas multidisciplinares. “Quando falamos no reforço das

equipas multidisciplinares e quando falamos no reforço da intervenção ao nível da segurança não estamos propriamente a falar exclusivamente de incremento de psicólogos ou agentes de segurança”, garantiu o secretário de Estado.Omesmoesclareceuqueseráfeita uma avaliação caso a caso e que, se for necessário, as equipas multidisciplinares


07

tema capa

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

post-it

A

de acompanhamento das situações de violência, insucesso e abandono escolar serão reforçadas com “pessoal docente e técnico”, através de “crédito horário”, isto é, atribuindo horas a esses profissionais para essas tarefas de prevenção e combate à violência.

Zonas mais problemáticas Lisboa, Porto e Setúbal foram os distritos com maior número de ocorrências. Os alunos representaram mais de metade do total das vítimas, 563 de um total de 1.008, seguindo-se os professores, vítimas em 335 das ocorrências comunicadas. “Os casos de escolas com mais ocorrências serão objeto de uma avaliação local por parte da equipa de coordenação da segurança escolar, com o objetivo de tipificar as situações, recolher informação mais circunstanciada sobre os casos e identificar o tipo de ações de resposta que o ministério da Educação e Ciência (MEC) e os seus parceiros

BULLYING ❚ Ocorre quando um/a aluno/a é exposto/a, repetidas vezes, durante um período de tempo, a ações negativas por parte de um ou mais colegas. Geralmente, acontece quando há uma relação assimétrica de poder entre os alunos e atinge tanto os adolescentes como as crianças. Em Portugal, segundo o site online24, são as raparigas as maiores vítimas de agressões indiretas, enquanto que os rapazes são mais frequentemente vítimas de agressões físicas e ameaças.

+22% em 2013

❚ De acordo com dados divulgados pela Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa a que a Renascença teve acesso, em 2013 foram registados 192 inquéritos relacionados com crimes no âmbito da comunidade escolar, ou seja, mais 53 do que no ano anterior. A mesma entidade registou mais casos de violência escolar, verificando-se um aumento de quase 22% no último ano.

LINHA DE APOIO ❚ Os professores afetados por situações de indisciplina ou violência nas escolas podem procurar apoio especializado na linha SOS Professor, criada pela Associação Nacional de Professores (ANP). “Através de telefone, e-mail ou presencialmente, professores, psicólogos, psicopedagogos, juristas e especialistas em mediação de conflitos prestarão apoio imediato, diversificado e consistente aos docentes que estejam a deparar-se com situações de violência e indisciplina no meio escolar, ameaças ou qualquer outro tipo de constrangimento da sua atividade profissional”, explicou uma fonte da ANP à Lusa.

PÚBLICO

devem implementar”, garantiu João Grancho.

Casos mais comuns Amaioriadoscasosaconteceudurante o período normal de funcionamento das atividades letivas e na sala de aula. Os alunos surgiram simultaneamente em primeiro lugar como vítimas e como autores/suspeitos, sendo que nesta última situação a maioria tem

entre 14 e 16 anos. Os familiares dos alunos aparecem em segundo lugar na tabela dos autores/suspeitos. As ocorrências que conduziram à participação junto de entidades externas, tais como autoridades policiais, judiciais e comissões de proteção de crianças e jovens, representaram cerca de um terço do total das ocorrências. *COM LUSA

-

Os casos de violência escolar acontecem, principalmente, nas salas de aula e as vítimas são na sua maioria alunos

Dados sobre violência escolar postos em causa ■ O Observatório de Segurança em Meio Escolar, com quem o ministério da Educação deixou de ter contrato há dois anos, desconhece a metodologia utilizada e a entidade responsável pelos dados apresentados que falam sobre uma redução para menos de metade da violência nas escolas. Em declarações à TSF, o investigador João Sebastião esclareceu que “é muito diferente

pôr um funcionário do ministério da Educação a validar dados mesmo que saiba de estatística ou alguém que saiba de violência na escola e que sabe diferenciar o que uma ocorrência de violência na escola e outro tipo de acontecimentos acidentais ou de violência urbana”. O mesmo admitiu ainda que as “escolas poderão estar a deixar, pela carga das tarefas que os agrupamentos têm sem qualquer

reforço de pessoas, isso para trás”. O investigador afirmou também que o ministério da Educação não pôs a funcionar nenhum programa de combate à violência escolar e acabou com os programas de educação para a cidadania, portanto, duvida que o problema tenha diminuído de forma tão expressiva. João Sebastião considerou que uma redução apenas poderá ter acontecido “por sorte” ou

MÁRIO CRUZ/LUSA

através de uma eventual ação das escolas, mas nunca “por ação do Governo”. “Se desceu foi por sorte ou por um artifício qualquer estatístico, como má validação dos dados, ou, então, por um conjunto de incidências que possam ter acontecido num ano em particular e ter havido menos ocorrências”, concluiu o mesmo. C.V. FONTE: TSF

AGRESSÕES EM NÚMEROS ✓Em 2012/2013 foram registadas 1.446 situações de violência, menos mil do que as do ano letivo anterior e menos de metade das de 2008/2009 ✓O total de ocorrências registadas no último ano letivo concentrou-se em 5% das escolas, as quais participaram entre uma a cinco situações de violência ✓As ameaças físicas a professores representa-

PAULO NOVAIS/LUSA

ram em 2012/2013 um total de 107 ocorrências ✓As faixas etárias entre os 11 e os 13, com 301 casos assinalados, e entre os 14 e os 16 anos, com 562 casos, foram as mais propensas a comportamentos violentos ✓Entre os alunos do 1º ciclo, dos 6 aos 10 anos, registaram-se, em 2012/2013, 71 ocorrências participadas, menos do que as 124 do ano letivo anterior

✓Um total de 842 participações registadas deram origem a processos disciplinares nas escolas e 438 resultaram em queixas à polícia e processos em tribunais ✓Em 2012/2013 seguiram para o Tribunal de Menores 47 processos e para as Comissões de Proteção de Crianças e Jovens foram encaminhados 164 casos FONTE: PLATAFORMA DE REGISTO DE OCORRÊNCIAS DE SEGURANÇA ESCOLAR DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CIÊNCIA


p

08

ortugal /// 5.600 MORTES ANUAIS EVITÁVEIS NÃO BEBENDO ÁLCOOL

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

folhadeportugal.pt

segurança rodoviária

Número de mortes em S automóveis desceu

JOANA OLIVEIRA ■ jo.r@folhadeportugal.pt

egundo o documento, a Espanha, com uma redução média anual de 12 por cento entre 2001 e 2012, é o país com a melhor prestação, seguindo-se a Lituânia (11 por cento), a França, a Estónia, a Suíça, a Suécia, a Holanda, a Dinamarca, o Reino Unido, a Hungria, o Chipre, a Alemanha e Portugal, todos com reduções anuais acima dos 7,4 por cento (média europeia). Segundo o CEST, a condução sob o efeito do álcool e o excesso de velocidade continuam a ser a principal causa das mortes nas estradas europeias. O relatório estima que 5.600 mortes anuais, sendo que metade das quais são dos ocupantes de automóveis, poderiam

Subiu a taxa de utilização do cinto de segurança ser prevenidas só com a abstinência de álcool pelos condutores e outras 1.300 com a redução em apenas 1km/h da velocidade média nas estradas.

O efeito do álcool e o excesso de velocidade continuam a ser a principal causa das mortes nas estradas europeias

O número de mortes nas estradas em Portugal baixou 7,6 por cento entre 2001 e 2012, segundo um relatório divulgado pelo Conselho Europeu da Segurança nos Transportes (CEST)

TENHA UMA CONDUÇÃO MAIS SEGURA

1 - Reduza o uso de aparelhos eletrónicos ao mínimo. As inúmeras funcionalidades de smartphones e outros gadgets distraem cada vez mais os condutores e quando se recorre a estes aparelhos os olhos e o pensamento são desviados do que está a acontecer na estrada, sendo a colisão traseira a consequência mais comum.

2 - Mantenha sempre ambas as mãos no volante. Quando os condutores procuram um objeto ou seguram algo que desliza, como um saco de compras ou os óculos de sol, o tempo passado a não olhar para a estrada pode chegar a 15 por cento, o que aumenta

Viajantes dão mais importância à segurança Em relação à segurança dos viajantes, o CEST destaca a subida da taxa de utilização do cinto de segurança nos bancos da frente e também nos assentos traseiros. A França, Alemanha e Suécia têm as maiores taxas de utilização do cinto

nos lugares da frente (98 por cento), seguindo-se a Estónia e a República Checa (97). Portugal encontrava-se nos 96 por cento, em 2012, dez pontos acima da percentagem de 2005, uma das maiores subidas do indicador. A Itália apresenta a pior prestação, com 70 por cento de utilização de cinto de segurança pelos condutores, um número abaixo dos 74 registados em 2005.

No que respeita aos assentos traseiros, as taxas de utilização variam entre os 98 por cento na Alemanha e os 21 na Grécia (dados de 2009, neste caso), com Portugal na casa dos 70.

Excesso de velocidade O excesso de velocidade é outra das causas de mortes na estrada, destacando o relatório que o aumento do risco de acidente quando se circula a 75 km/h numa estrada em que o limite é 50, a 135 km/h numa estrada em que o limite é 90 ou a 180 km/h quando o limite são 120, é equivalente ao de quando se conduz com uma taxa de 0,5 gramas de álcool no sangue.

cabelo. Preocupar-se com a aparência pode ser suficiente para se distrair e perder cerca de 40 por cento do tempo e foco na estrada.

o risco de acidente em 8 vezes. 3 – Foque-se na condução. Seja uma chamada, um SMS ou até os seus filhos no banco de trás, qualquer forma de interação compromete o pensamento e concentração mais do que se imagina. A partir do momento em que aperta o cinto e liga o carro, chegar ao destino em segurança deve ser a sua principal preocupação. 4 – Relativize a pressão do tempo. O stress de rentabilizar o tempo ao máximo leva-nos a fazer coisas enquanto conduzimos: comer, beber, ajustar roupa, retocar a maquilhagem ou arranjar o

5 – Capitalize ao máximo os sistemas de assistência em viagem. Muitos de nós não sabemos que sistemas estão disponíveis ou como funcionam e, em di-

versas situações, estas soluções podem ajudar a compensar a desatenção do condutor. Por exemplo, o assistente de travagem de emergência ou o assistente de aviso de distância pode diminuir as consequências do acidente. FONTE: MULHER.SAPO.PT


Folha

Centro de Ajuda Págs. 4i/5i

Pág. 3i

A HORA DO MILAGRE

REFLEXÃO

A profecia não é para os incrédulos

Israel rejeitou, a Universal abraçou iur d.pt

Suplemento jornal FOLHA DE PORTUGAL ■ Nº 542 ■ DOMINGO, 11 a 17 de maio de 2014

Como despertar o Amor? Casais um pouco por toda Europa decidiram investir na sua relação e dar mais um passo rumo à felicidade completa CARLA VAZ ■ cv.r@folhadeportugal.pt

E

m Portugal e no resto Europa teve lugar uma noite muito especial para os casais, no passado mês de abril, mais precisamente no sábado, dia 26, na Terapia do Amor. Na noite do “Despertar do Amor”, os casais presentes tiveram a oportunidade de apresentar

as suas alianças ao Autor do Amor, de renovar os seus votos e de aprender como criar a relação dos seus sonhos, simplesmente através de algo básico num relacionamento, a palavra. “Pois, da mesma forma que Deus criou o mundo com palavras, também cada um de nós pode criar a pessoa que quer com palavras. Isso aplica-se a todo o

LUXEMBURGO

MOLDÁVIA

tipo de relacionamento, principalmente o amoroso”, explicou o orador, Fabio Schapowal, responsável pela Terapia do Amor em Portugal.

De Norte a Sul do país e em toda Europa, os casais puderam reforçar os laços amorosos

UCRÂNIA

RÚSSIA

PORTIMÃO

PORTO

IMPÉRIO

COIMBRA

MADEIRA

FOTOS CEDIDAS

Um novo comportamento “Elogiar alguém fá-lo/a sentir-se imensamente feliz. Da mesma forma que Deus criou a beleza do mundo sem esforço, também nós podemos criar pessoas belas com muito pouco esforço. Tudo o que precisamos é uma palavra amável. Experimente esta estratégia em vez de reclamar, criticar, atacar e apontar erros todo o tempo. Mas não o faça apenas uma vez, decida fazê-lo para sempre, como um novo comportamento”, concluiu o orador.

-

Os votos que fizeram diante de Deus quando decidiram unir a sua vida a outra pessoa foram renovados pelos casais presentes no CdA do Porto


2i

folha centro de ajuda

/ história de superação

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

visite-nos em iurd.pt

“PERDIA O CONTROLO TOTALMENTE e partia tudo o que tinha em casa!” aconteceu comigo!

Darlene tinha uma autoestima muito baixa, gastava todo o dinheiro que tinha em coisas supérfluas e perdia facilmente o controlo, ao ponto de partir tudo o que tinha em casa. A juntar a isso, teve um grave problema no útero que julgava não conseguir resolver...

E

u era uma pessoa com a autoestima muito baixa, muito nervosa e desconfiada. Para além disso, era muito esbanjadora e enquanto não gastasse o dinheiro todo que tinha nas mãos não descansava. Passeava num centro comercial e pensava: ‘não posso sair daqui sem comprar alguma coisa’. Mesmo que não precisasse, tinha que comprar! Às vezes, chegava a casa com as compras e pensava: ‘mas porque é que comprei isto?’. As roupas novinhas em folha ali ficavam com as etiquetas e eu nem se quer as usava. Era só mesmo para gastar dinheiro. Tinha uma relação problemática devido à minha falta de autoestima e desconfiança, que faziam com que todas as outras mulheres fossem superiores a mim. Se visse o meu companheiro a falar com uma pessoa, pensava logo que ele estava interessado nela, que ela era superior a mim... Enfim, a minha vida sentimental era um inferno! Brigas, discussões e com tudo e mais alguma coisa que as pessoas possam imaginar. Até que terminei essa relação e voltei a viver com a minha mãe.

Foi precisamente a minha mãe que me trouxe ao Centro de Ajuda (CdA) porque existiam coisas na minha vida que não eram normais... Enervava-me, perdia o controlo totalmente e partia tudo o que tinha em casa! Quando ainda mantinha a minha relação, o meu próprio companheiro dizia-me que eu me transformava”.

O começo do processo de libertação “Antes frequentava discotecas todos os fins de semana e podia estar num local onde existissem muitas pessoas mas, no

“A minha vida sentimental era um inferno!” fundo, sentia-me sozinha. As pessoas diziam que eu era uma pessoa muito alegre porque estava sempre a rir, mas era um sorriso que escondia o que estava cá dentro... Comecei a frequentar o CdA e a minha vida foi mudando... Quando cheguei à Igreja disse: ‘se esse Deus existe e faz maravilhas na vida das pessoas, então, Ele tem que operar também na minha

vida’. Fui orientada de modo a fazer tudo para que Deus operasse em mim. Porque eu queria-O conhecer! Comecei a libertar-me”.

Um susto e a transformação “Numa determinada altura tive um longo período de tempo sem menstruar e fui à minha médica de família. Ela enviou-me para o hospital, onde efetuei exames dolorosos e descobriram que tinha as paredes do útero completamente coladas, motivo pelo qual o sangue não saía. Não aceitei aquela situação porque acreditava ser filha de um Deus vivo que já havia levado aquela situação na cruz! Veio a Campanha de Israel e, ainda antes de agir a minha Fé, veio-me a menstruação. Até hoje agradeço a Deus! A minha vida foi-se transformando. Hoje já não sou mais aquela pessoa de antigamente. Sou confiante, tenho autoestima e tenho alegria de viver, algo que anteriormente não tinha”. DARLENE GOMES, PÓVOA DE STO. ADRIÃO

-

No CdA, Darlene viu a sua vida transformar-se aos poucos. Hoje em dia é uma pessoa confiante e com alegria de viver

ISABEL REIS

JOANA OLIVEIRA ■ jo.r@folhadeportugal.pt

PUB


folha centro de ajuda

3i

/ reflexão

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

visite-nos em iurd.pt

mensagem

O CENTRO DE AJUDA NÃO COBRA PARA D

BISPO

❚ realizar casamentos ❚ realizar batizados (adultos) ❚ dar aconselhamento

matrimonial

❚ aconselhar e acompanhar

indivíduos toxicodependentes

❚ aconselhamento pastoral ❚ participar na Santa Ceia ❚ a realização da unção

com óleo visitas ao domicílio visitas a doentes no hospital visitas a presidiários distribuição de cestas básicas às famílias carenciadas ❚ distribuição de bens (roupas, mobílias, eletrodomésticos, etc.) a pessoas carenciadas ❚ acolher o Instituto Português do Sangue nas suas instalações para a doação de sangue ❚ ajudar a manter o Lar de Idosos Universal ❚ a apresentação de crianças (não batiza crianças, somente adultos) ❚ participar no grupo de jovens "Força Jovem" ❚ a realização de orações ❚ a entrada nas igrejas e participação nos cultos ❚ a participação em concentrações, em locais como: Coliseu dos Recreios, Pavilhão Rosa Mota, estádios, Pavilhão Atlântico, etc. ❚ ajudar a manter a Sociedade “Pestallozi” (presta assistência aos portadores da síndrome de Down) ❚ manter a Fazenda Nova Canaã ❚ ❚ ❚ ❚

❚ a realização de cursos

informáticos

Edir Macedo

Israel rejeitou, a Universal abraçou

❚ aconselhar e apoiar na

escolha de uma carreira profissional ❚ atendimento telefónico 24 horas ❚ apoio a mulheres vítimas de abusos ❚ apoio e aconselhamento a indivíduos dependentes alcoólicos ❚ visitas a lares de terceira idade ❚ dar alimento aos sem-abrigo ❚ apoio em catástrofes ❚ a realização de atividades lúdicas e desportivas com os jovens ❚ aconselhamento e campanhas na prevenção do HIV ❚ transporte de pessoas com dificuldades de locomoção ❚ estacionamento no parque da Igreja ❚ estudos Bíblicos realizados ❚ entrada e participação no maior Congresso Financeiro do País ❚ realização de funerais ❚ distribuição do Óleo Santo de Israel ❚ cursos de Teologia (IBURD) ❚ milagres que acontecem em todos os Centros de Ajuda espalhados pelo Mundo. Só ensina às pessoas a VERDADE. O dízimo, como também as ofertas, são mandamentos bíblicos.

Sacrificando diariamente pelo seu ideal!

ciência moderna vs fé inteligente

O

Deus Altíssimo livrou Israel da escravidão egípcia, trouxe-o até uma terra que manava leite e mel, deu-lhe vitória sobre todos os seus inimigos, onde pisava a planta dos seus pés, tornava-se-lhe em possessão; o pão nosso de cada dia era só vitória, transformou a condição de milhões de escravos numa nação forte e poderosa mas, querendo imitar os pagãos derrotados, Israel rejeitou o SENHOR dos Exércitos como Líder e pediu que lhe desse um rei, e, então, Israel deu início aos seus fracassos... Quem é da Universal está absolutamente convicto de que o seu Líder, Senhor e Rei é o Senhor Jesus Cristo, na Pessoa do Seu Santo Espírito, porque tem consciência da Mão poderosa que o libertou! Israel recusou o reinado do seu Libertador, mas nós da Universal

O elegemos como nosso SENHOR E REI por toda a eternidade. Por conta disso, somos um só povo, uma só nação, uma só Fé, temos Um só Espírito e servimos Um só SENHOR Deus, o Todo-Poderoso de Abraão, de Isaque e de Israel. Louvado, exaltado, glorificado e magnificado seja o Senhor Jesus Cristo em cada um nós! “Vi e ouvi uma voz de muitos anjos ao redor do trono, dos seres viventes e dos anciãos, cujo número era de milhões de milhões e milhares de milhares, proclamando em grande voz: Digno é o Cordeiro que foi morto de receber o poder, e riqueza, e sabedoria, e força, e honra, e glória, e louvor” (Apocalipse 5.11-12). Sejam todos abençoados no Nome do Senhor Jesus Cristo.

Quem é da Universal está absolutamente convicto de que o seu Líder, Senhor e Rei é o Senhor Jesus Cristo

Acessos oficiais do

bispo Macedo

bispomacedo.com.br/blog youtube.com/obispomacedo

Palavra Amiga Bp. Macedo diariamente

23H

às

¢e também na

IURDTV.eu,

pelas 16H (hora de Lisboa)

twitter.com/BispoMacedo facebook.com/BispoMacedo

LISBOA

107.7 FM

PORTO

95.5 FM

COIMBRA

92.6 FM

COIMBRA

98.7 FM e 107.8 FM

AÇORES

91.1, 91.0 e 94.0 FM

ÉVORA

90.4 e 95.5 FM

FUNCHAL

100.0 FM

LEIRIA

101.3 FM

PORTIMÃO

91.8 - 92.4 - 93.7 FM

O ciclo da água ■ Existem três fases no ciclo da água: evaporação, condensação e precipitação. A energia solar evapora milhões de toneladas de água da superfície dos oceanos e rios. Quando este vapor condensa, forma nuvens e quando estas colidem entre si convertem-se em gotas de água, chovendo. O ciclo da água não era conhecido até aos séculos 16 e 17, até Pierra Perrault e Edmundo Mariotte o terem descoberto através de experiências. Há cerca de 3.500 anos, ninguém conhecia o ciclo da água, mas mesmo assim, a Bíblia registou-o. “Porque atrai para si as gotas de água que de seu vapor destilam em chuva, a qual as nuvens derramam e gotejam sobre o homem abundantemente” (Jó

36.27-28), ou seja, os registos da Bíblia são verdadeiros.

Oceanografia Mathew Maury (1806 –1873) é considerado o pai da oceanografia, também chamada de oceanologia. Este homem compreendeu a expressão “veredas dos mares”, referida em Salmos 8.8, escrito 2.800 anos antes, e disse, “Se Deus disse que há veredas no mar, eu vou encontrá-las”. Maury acreditou literalmente no que Deus disse e foi procurar essas veredas. A ele devemos a descoberta das correntes continentais, quente e fria. O seu livro sobre oceanografia permanece um texto básico sobre o assunto e ainda é usado nas universidades.


4i

folha centro de ajuda

/ nacional

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

visite-nos em iurd.pt

reunião /// A HORA DO MILAGRE///9H30

A profecia não é para os in sim para

os que c

Centenas de pessoas dirigem-se todas as semanas aos vários Centros de Ajuda espalhados pelo país, com o intuito de buscar uma orientação para a sua vida e uma solução para os seus problemas Paredes

FOTOS CEDIDAS

todos os que crerem no cumprimento das promessas de Deus nas suas vidas.

São João da Madeira

Investir na mudança “Saíram tropas da Síria, e da terra de Israel levaram cativa uma menina, que ficou ao serviço da mulher de Naamã. Disse ela à sua senhora: Tomara o meu senhor estivesse diante do profeta que está em Samaria; ele o restauraria da sua lepra” (2 Reis 5.2-3) Esta serva da esposa de Naamã sabia que ele poderia ser curado se aplicasse uma Fé inteligente e prática no Deus em que ela acreditava. E a verdade é que

JOANA OLIVEIRA ■ jo.r@folhadeportugal.pt

Q

uando uma pessoa crê Sacrifica e foi precisamente sobre este tema que se baseou a reunião “A Hora do Milagre” do passado domingo, 05 de maio, nos vários Centros de Ajuda do país. A profecia não é para os incrédulos

mas sim para aqueles que creem, e porque Sacrificam a profecia cumpre-se na sua vida. No segundo domingo do Impossível, no Centro de Ajuda de Paredes, todos os presentes puderam entender que na prática da sua Fé inteligente o Impossível pode-se tornar Possível na sua vida. Foram muitos os que desa-

fiaram e clamaram ao Deus do Impossível, buscando uma resposta para aquilo que aos olhos humanos não tem qualquer solução. Ainda em Paredes, todos os dizimistas foram consagrados e foi determinado que, tal como Jacó derramou o óleo sobre uma pedra determinando que se Deus O abençoasse ele Lhe seria fiel, assim farão

Quando cremos em Deus e agimos, a profecia realiza-se Naamã alcançou essa bênção que o profeta profetizou, obedecendo ao que ele lhe pedira para fazer. Mas a serva não fez o mesmo na sua própria vida, pois mesmo sabendo que poderia mudar de vida através do seu

Sacrifício, ela continuou serva e limitada à vida que tinha. Meditando nesta passagem, o orador Carlos Detulio mostrou aos presentes de que nada adianta ter Fé para os outros e crer que a profecia se pode realizar e não agir. Por vezes, é a pessoa que ativa a sua própria maldição por não agir e investir na sua mudança. Essa situação só muda depois que ela obedece ao que Deus lhe indica, Sacrificando a sua própria vontade, assim como aconteceu com Naamã, que foi curado da lepra depois de mergulhar sete vezes tal como o profeta lhe tinha dito. Na ocasião, todos os presentes foram convidados a usar a mesma Fé que Naamã e assim desativar a maldição e ativar a bênção. No final, ainda houve tempo para que as crianças e o grupo TF Teen presenteassem todas as mães ali presentes, com uma apresentação e com um miminho especial, agradecendo e retribuindo o amor que todas elas têm para com seus filhos.


5i

nacional

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

se algo está mal... ...mantenha-se bem! BISPO Júlio Freitas

s incrédulos, e

e creem

A profecia A

Vila Real

Viseu

PUB

A passear no parque? Agora pode ouvir-nos em todo lado! Acesse em:iurd.pt

profecia e a Palavra de Deus são muito sérias, Deus leva muito a sério a sua palavra, pois a sua palavra é a sua honra, é a Sua pessoa. Mas quem profetiza não é apenas o pastor ou o bispo? Não! Todo o verdadeiro cristão profetiza e fala do que está escrito porque ele vive o que está escrito. Eu falo com intrepidez e autoridade sobre tudo, inclusive da morte sem a temer, porque vivo o que prego e prego aquilo que vivo. O que tenho eu a temer? Pragas? Morte? Bruxedo? Inferno? Demónios? Nada nem ninguém pode destruir aqueles que são de Deus porque quem é de Deus profetiza e o que se profetiza torna-se realidade. A profecia de Deus a Abraão, Isaque e a Israel foi ‘Quem te abençoar Eu abençoarei, quem te amaldiçoar estará amaldiçoado’. Mas Deus não perdoa a quem mostra arrependimento? Claro que sim, mas Ele não inocenta o culpado. Assim como você e eu temos autoridade para profetizar, dizendo a verdade e vivendo-a, também podemos amaldiçoar. Mas Deus disse ‘Não amaldiçoeis’ e, por isso, é uma coisa errada, é algo que não devemos fazer. Há pais que amaldiçoam os filhos; há filhos que amaldiçoam os pais; há pessoas que amaldiçoam o próximo por inveja, vingança, competição, por querer fazer justiça com as próprias mãos... Existe a praga rogada e está escrito na Bíblia. Porque é que há pessoas que mesmo sendo de Deus não profetizam? Profetizar não tem nada a ver com prever o futuro, profecia não é horóscopo. Profecia é falar do que está escrito e você fala e assume o que está escrito quando você crê. “Porque todos podereis profetizar, um após o outro, para todos aprenderem e serem consolados. Os espíritos dos profetas estão sujeitos aos próprios profetas; porque Deus não é de confusão, e sim de paz...” (1 Coríntios 14.31-33). Qualquer um pode profetizar? Não! Se o caráter da pessoa condiz com a Palavra de Deus, então, sim, pode aceitar a profecia porque ela é de Deus. Mas nem todos os que falam de Deus profetizam pelo Espírito. O que me dá o direito e a

autoridade para profetizar não é o facto de ser bispo, é o facto de praticar o que está escrito, os mandamentos de Deus. E aí sim, a profecia cumpre-se. Deus quer que todos profetizem, o que significa dizer que todos os que creem na profecia Sacrificam, obedecem e entregam-se, e a profecia cumpre-se. Quando eu me entrego a Ele Sacrifico e esse Sacrifício prova que o que Ele prometeu cumprir-se-á na minha vida. A Palavra de Deus refere “Para todos aprenderem...” e qual é a melhor forma de ensinar alguém? É dando o exemplo e levando a pessoa a praticar. Você não pode aceitar apenas ouvir e entender, tem que praticar, pois, dessa forma, para além de aprender ainda ensina os outros. Este é o centro da questão e a dificuldade de muitas pessoas: ouvem, entendem, mas na hora de praticar não o fazem e, consequentemente, não têm condições de ensinar. “E serem consolados” Quando você aprende também consola. Qual é o consolo para o doente? Não são medicamentos, não são palavras, é a cura. Qual é o consolo para uma pessoa com dificuldades económicas? É o dinheiro, a prosperidade. Qual é o consolo para uma família destruída? A união, a reconciliação, o respeito, o carinho. E para uma pessoa deprimida e desequilibrada? A libertação. Para uma pessoa convertida o consolo é o batismo com o Espírito Santo, pois enquanto não é batizada não fica em paz. Deus quer que o seu testemunho console a outros, mas se você não é capaz de Sacrificar por si mesmo, como é que vai poder profetizar para alguém? Ninguém é obrigado a crer nos mandamentos de Deus, mas a profecia sujeita-se ao espírito do profeta e é você que decide se vai crer e Sacrificar, ou não. É uma decisão pessoal, mas se não puder profetizar, então já sabe o porquê. A confusão de que a Bíblia fala acontece com aqueles que dizem uma coisa mas fazem outra. Mas com Deus não há confusão, o que Ele disse é o que Ele vai fazer. Deus quer que a Sua profecia se cumpra na sua vida para que você tenha paz, mas isso exige de si a entrega incondicional e total, a obediência, a crença na profecia, o Sacrifício.

Deus é contigo e eu também!bispo Júlio Freitas / bispojulio.com


6i

folha centro de ajuda

/ nacional

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

visite-nos em iurd.pt

Mini Olimpíadas dos NORTE

■ No Norte de Portugal, as Mini Olimpíadas dos TF Teen tiveram lugar no Centro de Ajuda do Porto, com a participação dos vários grupos de todas as regiões desta área. O dia foi marcado pelas diversas modalidades, tais como futebol, jogo do mata, pig pong, corrida de sacos, dança da laranja, jogo da colher com batata e jogo de rebentar o balão. No final, para além de atribuir os prémios ao vencedor de cada categoria, houve também o sorteio de diversos prémios. Os familiares também receberam prémios pela sua participação no evento, que foi de grande importância. Para além das modalidades, houve ainda competição de Pit Box, apresentações de grupos de dança, teatro e ainda o relato do testemunho de um teen que sofreu de bullying, tendo o trabalho dos TF Teen sido fundamental para superar esse problema e sorrir para a vida.

CENTRO

■ As Mini Olimpíadas dos TF Teen do Centro do país reuniram deze-

nas de teens, amigos, conhecidos e familiares na cidade de Águeda. Mais do que uma competição entre as diferentes regiões do Centro, pôde-se desfrutar de um ambiente extrovertido, alegre, com bastante energia, união e companheirismo, tanto nas apresentações como nas modalidades desportivas. Era impossível não ser contagiado!

FOTOS DIOGO MOURINHA E CLÁUDIA PEREIRA

FOTOS CEDIDAS

O dia 01 de maio ficou marcado para todos os membros do grupo TF Teen que se reuniram para um grande evento, carregado de pura diversão, com sorteio de prémios, jogos, competições, apresentações e muito mais

JOANA OLIVEIRA ■ jo.r@folhadeportugal.pt

P

ouco antes das dez, hora marcada para o início do evento, centenas de teens já se encontravam nos locais escolhidos em todas as regiões do país, aguardando ansiosos e cheios de expetativa. O evento, que reuniu em Lisboa aproximadamente cerca de 400 pessoas, foi dirigido pela Sandra e pela Filipa, apresentadoras do programa TF Teen, exibido aos sábados na iurdtv.eu, contando ainda com a presença da coordenadora responsável pelos TF Teen em Portugal e na Europa, Katia Cardoso. As Mini Olimpíadas contaram com provas em dez modalidades: o Jogo da Batata, o Jogo das Latas, o Jogo dos Números, o Jogo dos Pregos, Basquete, Corrida dos Três Pés, Bowling, Corrida de Sacos, Jogo das Setas e o Jogo da Baliza. Para além dos mini jogos olímpicos, ainda houve o sorteio de vários prémios e apresentações de dança, música e teatro de todas as regiões que estiveram presentes. A alegria era total e contagiante, com as claques a vibrarem durante as provas, momentos que ficaram marcados pelos gritos de guerras e a animação dos pequenos teens. No final, nem todos puderam ganhar os prémios físicos, mas a alegria de um grande dia foi conquistada por todos. “Apesar de não termos ganho foi

um dia muito divertido, foi muito bom estar aqui”, diz Cíntia Sousa, de 13 anos e integrante dos TF Teen do Cacém. “Gostei muito do evento! Foi muito divertido!”, garante Andreia Antunes, de 11 anos, vinda de Santarém. “Foi muito divertido, com muita alegria! O TF Teen é o grupo no qual aprendemos coisas para a vida. Aconselho todos os teens a participarem no nosso grupo!”, convida Helena Afonso, 13 anos, de Almada. Nos momentos finais, o orador,

da Pontinha conta que os teens chegam tristes, desanimados, sem vontade de fazer nada e sem rumo, mas que lá aprendem a ultrapassar tudo isso e a andar nos caminhos certos. Rebeca Filipe, hoje com 17 anos, conta que não foi exceção à regra, mas que, através do trabalho desenvolvido pelos TF Teen, pode encontrar uma nova direção. “Fiz parte dos TF Teen cerca de seis anos, praticamente desde que começou na Sede Internacional, em Chelas. Quando cheguei estava cheia de problemas, fumava e ainda tinha más notas Centenas de teens na escola, mas com a ajuda dos TF Teen e das Conselheiras consegui participaram nas ultrapassar tudo isso. Hoje, tenho diversas atividades em paz interior e uma nova visão”. todas as regiões do país Também para os pais, o grupo Fander Pereira, consciencializou todos tem-se revelado uma grande ajuda os presentes para a necessidade de buscar para afastar os filhos dos vícios e das a verdadeira alegria, aquela que não se más influências. perde, com o fim de uma brincadeira, “É uma boa iniciativa, uma melhor mas que permanece em qualquer atividade, assim eles não estão sujeitos circunstância. A alegria proporcionada aos problemas que encontramos lá fora”, por aqueles que entregam o coração para afirma Cristina Manuel, mãe de uma Jesus, uma decisão que é pessoal e que integrante dos TF Teen das Mercês. deve partir de cada um. “Acho muito bom este tipo de eventos, O evento terminou com a mesma onde podem desenvolver talentos e estão alegria que iniciou e todos regressaram longe do perigo de lá de fora, onde há más influências, álcool e drogas. Aqui a casa muito felizes! eles conseguem atingir objetivos e ser A fase da rebeldia felizes”, acrescenta Laurinda Semedo, mãe Para muitos a pré-adolescência é de uma teen de Mira Sintra. considerada uma fase complicada, a fase da rebeldia. A Conselheira dos TF Teen *COLABOROU GLENDA COSTA E VANESSA JORGE


folha centro de ajuda

7i

/ nacional

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

visite-nos em iurd.pt

SUL

-

As claques vibraram durante as provas, momentos que ficaram marcados pelos gritos de guerras e a animação dos pequenos teens

■ No Sul do país, as Mini Olimpíadas dos TF Teen também contaram com a presença de vários teens e participantes que não quiseram ficar de fora. A alegria nos seus rostos e o espírito de equipa era evidente. Os participantes conviveram e desfrutaram de competições de futebol, voleibol e basquete. Durante o evento houve também apresentações de dança, música e teatro dos diversos grupos, momento para lancharem em conjunto e, no final, os destaques de cada modalidade foram premiados com medalhas.

VENCEDORES DA REGIÃO DE LISBOA ■ Em 1º lugar, com 400 pontos, foi a região da Pontinha premiada com um plasma para cada um dos grupos locais que formam os TF Teen.

MADEIRA

■ Em 2º lugar, com 397 pontos, a região de Setúbal premiada com uma câmara de filmar.

■ Em 3º lugar, com 313 pontos, a região do Rio de Mouro que recebeu como prémio uma máquina fotográfica.

■ Na Ilha da Madeira também foram realizadas as Mini Olimpíadas dos TF Teen. Um dia preenchido com jogos como a corrida de sacos, a dança à volta da cadeira, a dança com o balão, a corrida com o ovo, calçados misturados, ‘descobre o que é’, ‘qual é a música’, perguntas da Bíblia, mímica e dança. No final, todos receberam um livro O Perfil do Jovem de Deus e o orador Leonardo Santos transmitiu aos teens a importância de ser um jovem de Deus, que sabe divertir-se sem nunca sair do caminho certo.

AÇORES ■ Os teens do Arquipélago dos Açores puderam desfrutar de um evento único até então. Um dia com muita animação, diversão, brincadeira e música, no qual os teens estiveram radiantes. As modalidades do evento foram desde os jogos das setas, das argolas, colher com ovo ao bowling, à dança das cadeiras, e, ainda, ao karaoke e à dança. Com muita alegria, os teens receberam prémios, um lanche preparado com todo o carinho e o apoio dos seus familiares, que também participaram nos jogos e que se divertiram bastante.


8i

folha centro de ajuda

/ nacional

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

visite-nos em iurd.pt

Não é bom

viver sozinho CEDIDAS

Todos os seres humanos desejam viver uma vida em conjunto com alguém e constituir família, mas nos dias que correm não é uma tarefa fácil escolher um/a parceiro/a com quem se possa ter uma boa união JOÃO FILIPE ■ jf.d@folhadeportugal.pt

N

o último sábado de abril foi realizado, na Terapia do Amor, um evento intitulado “A Escola dos Solteiros”, cuja finalidade foi a de mostrar aos presentes como é importante saber escolher a “cara metade”. O evento foi realizado no Porto e em Lisboa, no antigo Cinema Império. Na oportunidade foram transmitidas aos presentes ideias que podem vir a facilitar esta escolha, a qual pode influenciar todo o resto da sua vida.

Apresentações Durante o evento, os presentes tiveram oportunidade de assistir a um grupo coral e a uma peça de teatro, onde foi

SINAIS PARA SABER SE A ESCOLHA É CORRETA 1º Não o/a respeita; 2º Não respeita a sua família; 3º Está sempre a reclamar da vida; 4º Anda com más companhias; 5º Está preso/a ao passado; 6º Mente; 7º É obcecado/a em ter toda a atenção, através da violência e da promiscuidade; 8º Fá-lo/a sentir vergonha dele/a; 9º É muito sensível; 10º É preguiçoso/a.

representado o grande dilema que qualquer um passa quando tem de proceder à escolha da pessoa com quem pretende constituir família. Foi ainda transmitida aos presentes uma metáfora para explicar como cada pessoa pode acertar no alvo do amor, com o seguinte exemplo: na matemática aprendemos que 1+1=2 e no amor esta operação matemática permite duplicar o valor que cada pessoa possui; mas na matemática 1–1=0, ou seja, no amor esta operação matemática pode simplesmente reduzir o valor de cada um. Para além disso, todos os que estiveram presente no evento da “Escola dos Solteiros” puderam conviver ao longo de uma tarde onde foi possível ver uma luz ao fundo do túnel.

CENTROS deAJUDA em Portugal Continental e Ilhas GRANDE LISBOA

Póvoa Stº. Adrião

Rua Dr. José Espírito Santo, nº 36 - Chelas (próximo da estação de metro)

Rio de Mouro

Benfica

Torres Vedras

Pontinha

Santarém

Edifício Choupal, bloco D, r/c

Estrada Nacional 11, nº 243

Montijo

Rua da Indústria Corticeira, lt. 16E

Setúbal

Estrada Militar, s/n

Largo Comendador, nº 01

Amadora

Alverca

Évora

Rua Heróis da Aviação, nº 2C

Centro de Ajuda do Império Cacém

Praceta da Fraternidade Universal, nº 28 A

Mercês

Rua Dr. João de Barros, nº 14

Rua Egas Moniz, nº 485

Calçada da Rinchoa, lt. B1

Baixa da Banheira

Avenida do Alentejo, nº 30, Quatro Caminhos

Alameda D. Afonso Henriques, nº 35

Centro de Ajuda do Porto:

Rua Sacadura Cabral, nº 102C

Rua General Alves Roçadas, nº 4 Av. Gomes Pereira, nº 39A

Sede Internacional da Europa

S. João do Estoril

Rua César Augusto Gonçalves Ferreira, nº 7

Caldas da Rainha

Rua Raul Proença, nº 25/27

Almada

Av. 23 de Julho, nº 14/ 16/18, Cova da Piedade

Cruz de Pau

Rua da Cordoaria, Qt. das Cordas, nº 42, Vale dos Gatos

Av. São Sebastião, s/nº NORTE

Porto

Rua Egas Moniz, nº485

Matosinhos

nº3000

Paredes

Av. Comendador Abílio Seabra, entrada 7

Vila Nova de Gaia

Rua do Agueiro, nº 151

S. J. da Madeira

Rua General Norton de Matos, nº 201

Rio Tinto

Rua Fernão Magalhães, nº 306 CENTRO

Castelo Branco

Rua Frei Roque Espírito Santo, nº 3, r/c

Aveiro

Av. D. Lourenço Peixinho, 181

Viseu

Rua Vila Lusitana, nº 15 SUL

Portimão

Largo Gil Eanes, lt. A

Faro

Largo de São Sebastião, nº 10 ILHAS

Av. Villagarcia de Arosa, 1038

Rua do Sota, nº 20

Coimbra

Madeira / Funchal

Braga

Leiria

Açores / Ponta Delgada

Av. Imaculada Conceição, 567

Famalicão

Rua Capitão Mouzinho de Albuquerque, nº 105

Rua Atriz Amélia Rey Colaço,

Info: Aqui estão apenas apresentadas as nossas sedes regionais, mas existem 122 Centros de Ajuda espalhados um pouco por todo o país. Para saber qual é o mais próximo de si vá a iurd.pt ou, então, ligue para a nossa linha amigo 24H.

Rua Dr. Brito Câmara, nº 32 Rua da Boa Nova, nº 5


portugal ///

GALARDÃO COMEÇOU A SER ATRIBUÍDO EM 1987

09 DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

folhadeportugal.pt

época balnear Este ano a bandeira azul vai ser atribuída a 298 praias, das quais 18 fluviais, e a 17 marinas, o que representa uma subida em termos globais a nível de praias de oito por cento JOANA OLIVEIRA ■ jo.r@folhadeportugal.pt

J

osé Archer, responsável pela atribuição da distinção, sublinhou que em 2014 se ultrapassou, pela primeira vez, a marca dos 300 galardões atribuídos por todo o país, entre praias e marinas. Comparando 2013 e 2014, houve uma subida de cerca de oito por cento nos galardões atribuídos a praias, passando-se de 277 para 298. A nível de marinas, a subida foi de 21 por cento. O responsável manifestou satisfação pelo “empenho muito grande” dos municípios em cumprirem os requisitos, sobretudo depois do inverno rigoroso que se registou, lembrando que o galardão prevê o cumprimento de 30 requisitos, dos quais “26 são imperativos” e o “pré-requisito quanto à qualidade da água”, citou a agência Lusa. A entidade faz uma avaliação na altura do início da época balnear e uma monitorização ao longo do verão para comprovar o respeito pelos requisitos. O presidente da Bandeira Azul admitiu ainda que o galardão envolve “custos e investimentos avultados”, mas recordou que os “retornos são quase imediatos”, graças à maior circulação de pessoas pelos locais, assim como atividade económica.

Bandeira azul em todo território No Norte, contabilizam-se 66 praias com bandeira azul distribuídas por 11 concelhos. Na lista, estão três praias fluviais e registou-se a saída de Leça da Palmeira. No Centro, receberam o galardão 27 praias correspondentes a 18 concelhos, um dos quais é novidade: Oliveira do Hospital. Em 2014, nesta zona, as bandeiras vão estar em oito praias fluviais e entrou uma praia para o lote, Alvôco das Várzeas. Na zona do Tejo, foram contabilizadas 49 praias, cinco das quais fluviais. As bandeiras vão ser hasteadas em 13 concelhos, tendo-se registado a entrada de Pampilhosa da Serra e de quatro praias: Janeiro de Baixo, Pessegueiro, Santa Luzia e Lagoa de Albufeira do

A Bandeira Azul é um símbolo de garantia de qualidade das praias e marinas

298 PRAIAS PORTUGUESAS com bandeira azul em 2014 Mar. As saídas foram as das praias de Crismina, Calada, Algodio e Castelo. No Alentejo, 27 praias marítimas e uma fluvial, podem hastear a bandeira azul, estando na lista sete concelhos e uma praia nova, Furnas. Nesta região, assinalou-se a reentrada do Farol. O Algarve continua recordista, ao somar 82 galardões, um dos quais para

O galardão prevê o cumprimento de 30 requisitos uma praia fluvial, contabilizando-se praias em 14 concelhos. Para o leque de praias distinguidas entrou o Peneco e 12 reentradas: Castro Marim (3) Lagoa (5), Fuseta Ria, Inatel, Pescadores e Falésia-Açoteias. Nos Açores, o galardão foi atribuído a 32 praias de 10 concelhos, registando-se a entrada para a lista da Baixa da Areia e seis reentradas: todas as do município da Praia da Vitória (Escaleiras, Praínha,

Grande, Biscoitos, Porto Martins e Riviera). Sem bandeira azul vão ficar Porto Pim e a zona balnear de Santa Cruz da Graciosa. Por último, na Madeira, a bandeira pode ser colocada em 15 praias, ao longo de nove concelhos, tendo-se registado as reentradas na lista da Calheta, Ribeira Brava e Ponta Delgada. De saída esteve a praia Roca Mar. O tema eleito para ser desenvolvido em ações de sensibilização nas praias, marinas, embarcações recreativas, este ano, é “Poluição nos Oceanos: esclarecer, planear e agir”, estando planeadas várias centenas de atividades. A Bandeira Azul é uma distinção atribuída anualmente pela Fundação para a Educação Ambiental, a praias marítimas e fluviais, que cumpram um conjunto de requisitos de qualidade ambiental, entre os quais segurança, bem-estar, infraestruturas de apoio, informação aos utentes e sensibilização ambiental.


portugal ///

10

Várias pessoas assistiram ao incidente

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

folhadeportugal.pt

Pastor da IURD esfaqueado dentro da Igreja em Lisboa Um pastor da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) foi brutalmente atacado por um indivíduo no final de uma reunião no templo do Império, em Lisboa joana oliveira ■ jo.r@folhadeportugal.pt

O

pastor Wellington Hilário Henrique, da Universal, foi esfaqueado no interior do templo desta Igreja na Alameda D. Afonso Henriques, em Lisboa. O agressor levava consigo um canivete que usou para esfaquear o pastor, que depois de ter sofrido um golpe com cerca de 9cm, teve que ser sujeito a uma pequena intervenção cirúrgica, seguida de 10 dias de internamento. “Depois da reunião das três da tarde,

“Ele parecia uma pessoa um pouco desequilibrada” fui atender uma senhora que tinha vindo pela primeira vez dois dias antes. Estava-lhe a explicar como proceder e encontrava-me de costas para o corredor central. De repente, senti um solavanco por trás, virei-me e vi o senhor”, conta a vítima.

FOTOS CLáUDIA PEREIRA

“O indivíduo só dizia ‘eu vou-te matar, eu vou-te matar’ e quando olhei para a mão dele vi que tinha um canivete. Foi, então, que me apercebi que tinha sido esfaqueado, coloquei a mão nas costas e reparei que vinha cheia de sangue”, continua. Mesmo ferido, o agredido tentou pensar numa forma de afastar o indivíduo com a arma branca das pessoas que estavam presentes. “Naquele momento até pensei em

ir para cima dele e tentar tirar-lhe o canivete, mas tinha muita gente em redor e não quis pôr em risco a vida dessas pessoas. Foi aí que comecei a correr em volta da sala, para que ele viesse atrás de mim e se afastasse das outras pessoas. Resultou e ele veio atrás de mim sempre a gritar que me ia matar”, relata a vítima. “Teve um momento em que ele se atrapalhou e deixou cair a faca. Então, o outro pastor que estava presente desarmou-o e chamou o segurança, que

o levou para fora dali. Depois, chamámos a PSP que acabou por prendê-lo”. O agressor de 56 anos de idade, acabou por ser levado pela polícia, encontrando-se ainda detido.

Violência gratuita “Ele parecia uma pessoa um pouco desequilibrada. No meio do culto levantou-se e falou sozinho. Tivemos que o chamar à atenção para não importunar as outras pessoas, mas vimos que havia

-

O incidente ocorreu logo após o final da reunião realizada no antigo cinema Império

um distúrbio nele. Além disso, aproximou-se de uma obreira e pediu um saco de alimentos básicos que a associação Coração Universal, que faz parte da obra social da IURD, dá a pessoas mais necessitadas. Os sacos já tinham terminado e a obreira disse que não tinha mais. Ele ameaçou-a também com uma faca. Dirigiu-se a ela e disse-lhe ‘não me quis dar a cesta básica e eu vou-lhe enfiar uma faca. Afinal, não foi nela, mas em mim”, finda o pastor. A violência pela qual este pastor passou, muitos outros pastores espalhados pelo Mundo passam, também na maioria das vezes resultado de uma intolerância e perseguição aos cristãos que acontecia há milhares de anos e que continua a acontecer hoje em dia, mesmo havendo uma suposta liberdade. Ao contrário do que tem vindo a ser noticiado em diversos meios de comunicação, o agressor não era um fiel da Igreja Universal, tendo-se dirigido ali apenas com o intuito da agressão.


economia ///

11

O IVA NA TAXA SUPERIOR VOLTA A SUBIR

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

folhadeportugal.pt

A TROIKA SAI, a austeridade fica Documento de Estratégia Orçamental (DEO) foi apresentado no último dia de abril, mas não trouxe consigo boas notícias, pois prevê mais aumentos de impostos que servirão, segundo os promotores, para manter a estabilidade orçamental todos os consumidores. A Taxa Social Única (TSU) paga por todos os trabalhadores, até aqui com uma contribuição de 11 por cento, foi criada com a finalidade de financiar a Segurança Social. Agora sofrerá também um aumento, passando a ser de 11,2 por cento. As pensões acima de 1.000 euros vão estar sujeitas a cortes entre dois e 3,5 por

JOÃO FILIPE ■ jf.d@folhadeportugal.pt

Boas notícias Mas nem tudo no DEO foram más

MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

O

DEO é visto como um documento que fica como uma garantia para os credores internacionais quando o período do programa de ajustamento, ou seja, quando a troika sair de Portugal, não querendo isso dizer que a austeridade também saia na mesma data. O governo português vê neste documento a forma de cumprir o défice de 2,5 por cento, para que desta forma Portugal possa sair dos procedimentos de défice excessivos, estando de acordo com as regras de estabilidade da zona euro. Segundo o governo português, estas medidas são fundamentais para a sustentabilidade das finanças públicas. Contudo, para os vários parceiros sociais e partidos da oposição esta situação não passa de mais uma forma de afundar a economia portuguesa.

notícias. A Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES) vai deixar de existir, pelo menos com este nome, apesar de os cortes nas pensões continuarem. Também as respetivas taxas foram reduzidas. Os funcionários públicos viram os

seus vencimentos reduzidos entre 2,5 e 12 por cento nos vencimentos superiores a 675 euros. A partir de 2015 está prevista a devolução dos cortes nos vencimentos dos funcionários 20 por cento ao ano, uma medida que vai ter um impacto

no Orçamento de Estado (OE) de 225 milhões de euros.

Más notícias Vão ser registadas mexidas na taxa superior do IVA que irá passar de 23 para 23,25 por cento, uma subida que irá afetar

Através da subida do IVA e da TSU, todos os trabalhadores do privado e do público vão ser atingidos cento, ou, seja, entre 1.000 e 2.000 euros vão ter um corte de dois por cento; entre 2.000 e 3.500 euros aplicar-se-á dois por cento entre o remanescente até ao limite superior, uma taxa de 5,5 por cento. As pensões superiores a 3.500 euros vão ter uma taxa suplementar de 15 por cento, mas apenas no montante que exceda os 4.611 euros; as pensões acima dos 7.126,74 euros vão ser taxadas em 40 por cento. PUB


reportagem ///

12

PARA CADA SITE COMUM HÁ 400 INVISÍVEIS

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

folhadeportugal.pt

“Dark net”, o outro lado da Internet Os motores de busca comuns, como o Google, por exemplo, não conseguem listar tudo aquilo que está na Internet. Pelo contrário, conseguem aceder apenas a uma pequena parte. Mas, afinal, o que esconde a ferramenta utilizada por milhões de pessoas em todo o Mundo? Informação escondida Em 2008, a “dark web” representava 75 por cento do total de sites, ou seja, a informação ali publicada chega a ser 400 a 550 vezes maior do que a encontrada na rede normal. Venda de drogas ou armas e assassinos que se oferecem para serem contratados são alguns dos principais assuntos da também denominada “Web profunda” que, de acordo com De La Cruz, se tornou, num nicho de distribuição de pornografia infantil. O comandante explicou que este lado negro está escondido em fóruns e comunidades nos quais os pedófilos socializam e chegam a pensar: “Se há centenas ou milhares de pessoas que sentem o mesmo que eu, que gostam de crianças, se calhar não é tão mau”, realçou. Yago Jesus aponta que este vínculo empático também é reforçado pelo anonimato desses sites, onde podem ser encontradas coisas como, guias detalhados de “como obter um menor no Vietname, como se se tratasse de um guia para instalar um ‘software’ num PC”, explica.

JOANA OLIVEIRA ■ jo.r@folhadeportugal.pt

A

informação publicada neste lado da Internet é, atualmente, 400 a 550 vezes maior do que a de rede normal. Na “Dark net” tudo é encoberto pelo anonimato, o que torna uma tarefa difícil encerrar os sites e punir os envolvidos. Segundo a agência EFE, o lado mais perverso do ser humano tem o seu lugar na “dark net”, uma parte da “web profunda”, à qual os simples usuários não podem aceder pelo Google ou pelo Yahoo. Para chegar à Internet profunda é preciso um navegador diferente, como o ‘The Onion Router’ (TOR), que nasceu no Laboratório de Pesquisa Naval dos EUA como uma forma de criar comunicações seguras para os militares. Numa entrevista à EFE, divulgada pela agência Lusa, o editor do blogue SecurityByDefault, Yago Jesús, indicou que o TOR está estruturado em nós ou camadas (o seu símbolo é uma cebola vermelha), para que o usuário vá saltando de uma camada para a outra, coberto por uma camada criptográfica que impede que o servidor de destino conheça o seu endereço IP. O responsável pelo Grupo de Crimes Telemáticos da Guardia Civil

-

A analogia do icebergue é bastante utilizada para mostrar o tamanho da Deep Web (parte imersa) em relação ao da Surface Web (parte emersa)

Drogas, armas, tráfico de órgãos e pedofilía são comuns na "Internet obscura" espanhola, o comandante Óscar De La Cruz, reconhece que isto dificulta a investigação, embora possa ser localizado o nó de onde sai o usuário.

O que poderá encontrar no “lado escuro” -Pornografia gay -Hacking -Pornografia infantil -Mutilação genital -Filmes que mostram mortes

ou homicídios reais -Mercado negro (drogas, armas, órgãos...) -Mercado de Assassinos (alugar um assassino para matar alguém)

-Informações detalhadas sobre qualquer pessoa -Instruções de guerra -Identidades falsas -Cartões de crédito clonados

Um e-bay de corrupção Para além de pornografia infantil, a este lado da Internet aloja uma espécie de e-Bay de corrupção, drogas e armas, que são vendidas como se de uma loja de sapatos ou de brinquedos se tratasse. Os usuários realizam o pagamento através de bitcoins, uma moeda electrónica anónima, e os clientes, “se tiverem feito um bom negócio, com a arma ou as drogas certas, podem avaliar o vendedor”. Apesar da variedade de anúncios, De La Cruz alertou que na maioria das vezes são fraudes, especialmente os anúncios de tráfico de órgãos humanos. “Aproveitam-se do facto de um cidadão estar a pedir um serviço que é ilegal, pelo que não vai reclamar de nada”, analisa. Venda de drogas, tráfico de órgãos e pedofilia são os principais assuntos da “Internet profunda”, um mercado negro onde tudo se compra e se vende e onde pedófilos divulgam guias para se ter sexo com menores.


V I AG E M

PUB

ao Templo de Sa lom ão

2 9 D E J U L H O A 0 2 D E A G O S T O D E 2 0 14 Para os judeus, o Templo era um lugar para adoração e fazer Sacrificíos a Deus. Ao longo da História, foi destruído e reconstruído diversas vezes. Por isso, a tarefa de redesenhar o Templo de Salomão a partir de citações bíblicas foi não só um grande desafio, mas sobretudo um sonho prestes a concretizar-se em pleno. Venha fazer parte da concretização deste sonho e empreender uma viagem de desenvolvimento e fortalecimento espiritual que, com certeza, mudará a sua vida!

Templo de Salom ão

RESERVE JÁ O SEU LUGAR!

VOCÊ TERÁ OPORTUNIDADE DE VISITAR O NOVO TEMPLO EM SÃO PAULO, NO DIA DA INAUGURAÇÃO, MARCADA PARA O PRÓXIMO MÊS DE JULHO! PARA MAIS INFORMAÇÕES CONTACTE O CENTRO DE AJUDA MAIS PRÓXIMO DE SI!

otemplodesalomao.com


b

14

em-estar /// NÃO SE DEVE INCLINAR A CABEÇA PARA TRÁS

DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

folhadeportugal.pt

Como lidar com a hemorragia nasal infantil M

uitas vezes, sem razão aparente, as crianças sangram do nariz no meio de uma qualquer travessura, ficando os progenitores ansiosos e os mais pequenos assustados com o pigmento

vermelho que escorre pelas suas narinas. Este tipo de hemorragia nasal é muito comum nas crianças e, apesar de desconfortável, deve ser encarada sem grandes sustos. Tudo se deve à anatomia do nariz, cujo interior é revestido por pequenos vasos sanguíneos que ajudam a manter quente e húmido o ar que respiramos. Esses vasos são muito frágeis e superficiais, rompendo-se com alguma facilidade. Com menor frequência, o rompimento pode envolver os vasos localizados na região posterior do nariz, o que pode resultar de uma tensão arterial elevada e de aterosclerose. Daí que este tipo de hemorragias surja, normalmente, com o avançar da idade.

Causas Nas crianças, as causas da hemorragia na-

sal são mais acidentais e prendem-se, na maioria das vezes, com agressões a que o nariz é sujeito: coçar com força no interior, introduzir pequenos objetos, assoar constante, constipações, alergias e ar muito seco. Claro que uma queda também pode fazer o nariz sangrar.

Como agir Ainda que na maioria das vezes as hemorragias nasais nas crianças não sejam graves, convém que sejam contidas. Comece por sentar a criança inclinada para a frente, mantendo a cabeça sempre acima da linha do coração. A fim de conseguir estancar a perda de sangue, aperte o dorso do nariz, mesmo por baixo do osso, utilizando o polegar e o indicador, até que a hemorragia pare, o que acontece normalmente num período de entre cinco a dez minutos. Se não resultar, coloque uma compressa fria ou gelo

As hemorragias nasais são normais entre as crianças e parecem pior do que são no nariz, uma vez que o frio diminui o afluxo de sangue a essa área. Estancada a hemorragia, evitar assoar ou inclinar muito a cabeça. Nunca se deve inclinar a cabeça para trás, porque o sangue escorrerá para a garganta, o que pode fazer com que a criança se engasgue ou vomite. FONTE: MEDICOSDEPORTUGAL.SAUDE.SAPO.PT

F

CARLA VAZ ■ cv.r@folhadeportugal.pt

CULINÁRIA

“Mãe, estou a deitar sangue do nariz!”, uma frase que a grande maioria das progenitoras já ouviu mais do que uma vez e que, normalmente, assusta mãe e filho

CHEESECAKE DE

CHOCOLATE E CEREJA

Ingredientes: — 1 pacote de biscoitos de manteiga — 3 ovos — 240g de queijo creme — 1 lata de leite condensado — 1/4 colher de chá de essência de amêndoas

— 3 gotas de corante alimentar vermelho — 1 copo de cerejas — 2 copos de gotas de chocolate — 1/2 copo de manteiga — 1/2 copo de chantilly

Preparação: Aqueça o forno a 180°C. Unte uma assadeira retangular e coloque lá os biscoitos partidos. Deixe cozinhar entre 10 a 15 minutos. Entretanto, bata 1 clara até o ponto de neve e espalhe-a sobre a massa. Leve ao forno durante mais 3 minutos. Bata o queijo creme num liquidificador até ganhar uma consistência cremosa. Adicione 1 gema, 2 ovos, o leite condensado, a essência de amêndoa e o corante. Bata até estar bem misturado e adicione as cerejas picadas. Deite esta mistura sobre a massa e deixe cozer entre 16 a 20 minutos. Deixe arrefecer durante 45 minutos. Entretanto, numa panela, aqueça as gotas de chocolate e a manteiga em lume baixo, mexendo sempre, até derreter e ficar cremoso. Retire do lume e deixe arrefecer durante 20 minutos. Misture o chantilly com o creme de chocolate até obter uma mistura homogénea. Espalhe sobre o cheesecake e leve ao frigorífico até o chocolate endurecer. PUB

CLINICA DE MEDICINA DENTÁRIA

A SUA FAMÍLIA JÁ ESTÁ PROTEGIDA? Tel.: 218 051 520 | Tlm.: 912 057 878 | Site: confidente.eu E-mail: contacto@confidente.eu | Estamos na: Av. João II, lote 1.12.02, loja L, Edifício Adamastor - Parque das Nações


o

lhar feminino /// UMA TAREFA DIFÍCIL MAS DEVERAS RECOMPENSADORA

15 DOMINGO ■ 11 de maio de 2014

folhadeportugal.pt

Aprenda a educar sem estragar Quem afirma que educar é fácil é porque nunca teve a responsabilidade de educar uma criança, tornando-a num adulto sério e com valores. A tarefa não é fácil, mas é das que mais recompensas traz

CARLA VAZ ■ cv.r@folhadeportugal.pt

O

bom senso de quem tem a tarefa de educar é deveras importante, mas é sempre bom ter alguns conselhos que sirvam como diretrizes principais. Por isso, aqui ficam eles: ➜ Um bebé que chora geralmente é porque está a experienciar algum tipo de desconforto, seja fome, frio ou dor. Mas se estiver tudo bem, então, há que ter atenção à famosa birra. Dica: explique à criança de forma bem simples, mas com um tom mais duro que não tem motivo para estar assim e, depois, espere que a birra passe por si mesma.

➜ Se for necessário repreender a criança, não hesite em fazê-lo, pois não tem que se sentir culpada por estar pouco tempo em casa. Eduque logo desde pequeno para que o seu bebé não se venha a tornar num adulto insuportável.

a comunicar e a interagir umas com as outras e também com os adultos.

➜ Não tente “comprar” a criança com brinquedos quando quer que esteja calada ou faça o que a mãe quer, pois mais tarde, isso vai sair-lhe bem caro.

➜ Ensine o seu filho a valorizar a oportunidade que tem de estudar.

Escolha programas de TV importantes e construtivos para o seu filho ver ➜ Escolha os programas de televisão que o seu filho pode ver, assim como o período de tempo que passa em frente ao ecrã. ➜ Tanto os dvd’s como os jogos de computador podem ser usados, mas sempre com conta, peso e medida. Afinal, as crianças devem aprender

-

Não se penitencie por estar pouco tempo em casa e nesse período repreender

Os estudos são um dever e têm de ser vistos como uma oportunidade que muitas crianças não têm

➜ Incentive desde bem cedo o gosto pela leitura, pois existem livros para todas as idades e ocasiões;

REGRAS ESSENCIAIS

➜ Não seja demasiado autoritária, nem demasiado permissiva. Afinal, a disciplina consiste em 90% de prevenção e 10 de punição. ➜ Seja consistente na educação que dá ao seu filho, adotando uma linguagem afirmativa, positiva e construtiva e tentando sempre ser um exemplo para ele. ➜ Estabeleça limites e zele para que sejam cumpridos. ➜ As crianças devem aprender com as consequências das suas atitudes. ➜ Dar atenção, encorajar e elogiar o bom comportamento são a melhor forma de prevenir birras.

visite: vivifreitas.me CRÓNICA

Vivi Freitas

O que me deixa infeliz? “O que me deixa infeliz? A preocupação comigo mesma”

Já sei que deve estar com a “pulguinha atrás da orelha”, com interesse em saber o que me faz verdadeiramente feliz e o que me deixa infeliz. No artigo desta semana, vou revelar dois episódios da minha vida, onde me vi nesse estado, de pura infelicidade...

O

primeiro aconteceu há alguns anos atrás, em Inglaterra, onde me deparei com um desafio, que pensava não ter capacidades de enfrentar. Na verdade, vivi um tormento, onde mergulhei num mar de sentimentos... e mais sentimentos. Todos eles me diminuíam e inferiorizavam. Era literalmente um inferno, o que estava a sentir. A outra situação que passei foi muito recente e deixou-me extremamente preo-

cupada, triste e muito angustiada. Tudo por conta de situações novas que estou a viver. Não sabia como arrancar aquela dor e a agonia, existentes dentro de mim, e que insistiam em ficar. Se, porventura, você está assim, ou já se viu dessa forma, saiba que isso é um problema perturbando o seu interior. E sabe porque estou a falar-lhe de mim? É para que possa perceber melhor o seu estado e entenda como se livrar desse lamaçal.

Sabe como resolvi? Primeiro pensando, usando o raciocínio! Quando usamos a mente, conseguimos entender, com mais claridade, a nossa posição, diante do problema. E foi nesse ponto que determinei: Não quero mais saber dessa preocupação! Chega! O mesmo sucedeu nos dois episódios que relatei. Só ficou resolvido, essencialmente dentro de mim, quando fiz uso da Fé inteligente! De uma Fé que pensa e que

nos faz analisar o nosso estado. E, agora, ficou claro aquilo que me deixa infeliz? A preocupação comigo mesma, com os meus próprios dilemas! Uma coisa é certa: Todas as vezes que fui ausente da minha preocupação, fui feliz... Fui livre! Sou feliz quando atendo, quando dou a vida, quando o meu “problema” são as almas e não os meus problemas pessoais! Essa sim, é a melhor fase e a mais linda da minha vida. É estar ausente do que é meu. A pior coisa que existe na minha vida é preocupar-me com os meus egoísmos e tudo o que lhes está ligado. Hoje entendo muito bem o que Jesus diz quando pede para O amarmos em primeiro lugar e é sobre esse assunto que vou escrever na próxima semana.


odestaque folhadeportugal.pt

SEMANA DE 11 A 18 DE MAIO

Agenda

Siga-nos no facebook

Semanal

EDIÇÃO Nº 542 ■ DOMINGO, 11 a 17 de maio de 2014

Estamos abertos 7 dias por semana, em 122 localidades espalhadas por todo o país e ilhas

(moradas na pág. 8i)

7 dias para mudar a sua vida!

D

OMINGO 7H30 O PRIMEIRO AMOR 9H30 A HORA DO MILAGRE

Sessão do Desbloqueio - 15H Mulheres e Homens Sábios - 18H

Conquistas Financeiras

Sucesso e desenvolvimento da sua empresa, casos na Justiça, pagamento de dívidas, desemprego, imigração...

3ª Saúde Restaurada

Doenças, dores, problemas de saúde persistentes...

O Manto A do Milagre Diabetes, insónias, dores na coluna, depressão, cancro, osteoporose, SIDA, stress, ansiedade, hipertensão, doença cardiovascular, Alzheimer, asma, rinite, entre outras... Já alguma vez pensou no verdadeiro motivo que faz com que essas doenças se instalem no seu corpo?

s pessoas sofrem com dores, gastam rios de dinheiro em medicamentos e tratamentos caríssimos e, muitas vezes, o seu estado agrava-se ainda mais. Por que motivo verdadeiras multidões procuravam o Senhor Jesus? Porque Ele apresentava resultados! Movidos pela Fé, milhares de pessoas procuraram Jesus e obtiveram a resposta. Este foi o caso da mulher hemorrágica que, pelo simples facto de ter tocado nas Suas Vestes (Manto), foi curada! Mais de dois mil anos depois, exclusivamente no Centro de Ajuda, vamos recriar esta oportunidade de não só poder tocar no Manto do

Milagre, como de obter a sua cura incontestável! Todos receberão não só a unção com o Óleo Consagrado 1hora antes de cada reunião, mas também um pedaço do Manto Sagrado, denominado Lenço do Milagre, que está na Santa Cruz. Não perca esta oportunidade, pois a sua cura pode estar ao alcance das suas mãos! “E Deus, pelas mãos de Paulo, fazia milagres extraordinários, a ponto de levarem aos enfermos lenços e aventais do seu uso pessoal, diante dos quais as enfermidades fugiam das suas vítimas, e os espíritos malignos se retiravam” (Atos 19.11-12)

4ª Cura Interior

Desenvolva a sua vida espiritual e força interior, através da leitura da Palavra de Deus...

e 5ª Família Casamento

Orientação para a resolução de conflitos familiares...

6ª Limpeza Espiritual

Má sorte, maldições, energia negativa, insónia, pesadelos, inveja, bruxaria...

S Terapia do Amor

19H

Problemas sentimentais, falta de diálogo no relacionamento, discussões...

Casos perdidos - 8H

Problemas que aos olhos humanos já não têm solução...

Força Jovem - 15H

Um encontro direcionado para os mais jovens...

REUNIÕES DE SEGUNDA A SEXTA 7H, 10H, 12H, 15H E 20H

Anemia crónica

■ “A primeira vez que vim ao CdA tinha uma anemia crónica, que me provocava um cansaço muito grande e tonturas. De três em três meses tinha que fazer análises e até ao fim da vida iria ter que tomar medicamentos para controlar a anemia. Este problema prolongou-se durante quinze anos. Foi, então, que vim ao CdA e comecei a frequentar a reunião da saúde, onde fiz a unção com óleo. A partir do momento em que comecei a fazer a unção, notei melhoras, até que fiquei curada. Hoje sou feliz e tenho muita saúde!”

(em todas temos disponível aconselhamento espiritual) SEDE INTERNACIONAL DA EUROPA - LISBOA Rua Dr. José Espírito Santo, nº36 - Chelas (próximo da estação de metro) CENTRO DE AJUDA - PORTO Rua Egas Moniz, nº 485 Ou no Centro de Ajuda mais perto de si:

MARIA DA LUZ DOS SANTOS, LISBOA

Dia 27 de maio terça-feira, na reunião da Saúde Restaurada

Sede do CdA da Europa: apenas às 15H S ERVIÇO 24 HORAS

Folha de Portugal - Edição nº 542  

No último ano letivo, a violência nas escolas registou uma diminuição para menos de metade diz o secretário de Estado do Ensino Básico e Sec...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you