Page 1

Domingo, 16 de março de 2014 – Ano VI, Número 271

Informativo - IPC

PASTORAL

10 de Março de 1557: Primeiro Culto Protestante das Américas

O

primeiro episódio da história brasileira em que os protestantes estiveram envolvidos é o da efêmera colonização francesa no Rio de Janeiro. Com o propósito de inaugurar no hemisfério Sul a chamada “França Antártica”, o vice-almirante Nicolas Durand de Villegagnon pretendia mobilizar os calvinistas franceses e ou huguenotes, cuja situação se tornava cada vez mais melindrosa no solo pátrio. Prometendo-lhes um regime de liberdade religiosa na futura colônia, ele conseguiu a ajuda do nobre protetor dos huguenotes, Gaspar de Coligny. Em fins de 1555, Villegagnon se estabeleceu com 400 homens numa ilha da baia de Guanabara, proclamando-se em breve rei da América. A expedição havia respondido a um duplo interesse: político e religioso. Em setembro de 1556, 280 franceses vieram ao Brasil. Dentre os quais, doze calvinistas de Genebra trazendo credenciais do próprio Calvino. Havia entre eles dois pastores ordenados – Pierre Richier e Guillaume Chartier. Chegaram em 10 de março de 1557, e neste mesmo dia, numa cabana rústica, no centro da ilha então chamada de Serigipe (hoje Ilha de Villegagnon), na Baia de Guanabara, Rio de Janeiro, realizaram o primeiro culto protestante da história do Brasil e das Américas, numa quarta-feira. Após a chegada de Chartier, Richier e Léry, a primeira preocupação foi a de construir uma igreja reformada e poucos dias depois celebraram a Santa Ceia (21/03/1557). Na ocasião do primeiro culto, relata Jean de Léry, “o ministro Richier invocou a Deus.

IPC

- Interessados pela Palavra de Deus

Cantamos em coro o Salmo 5 e o dito ministro, tomando por tema estas palavras do Salmo 27: ‘Pedi ao Senhor uma coisa que ainda reclamarei e que é a de poder habitar na casa do Senhor todos os dias da minha vida’ – fez a primeira prédica no Forte do Coligny, na América”. Por mais que estes primeiros calvinistas entusiastas quisessem desenvolver aqui no Brasil a fé protestante (imagine o que seria o Brasil hoje se isso tivesse dado certo) a tentativa de colonização foi literalmente destroçada e os huguenotes se foram ao final de outubro do mesmo ano. Alguns que voltaram devido a perigos no mar, foram presos e um escapou (Jacques Le Balleur). Por ordem de Villegagnon, Jean du Bordel, Matthieu Vermeuil, Pierre Bourdon e André Lafon, redigiram em 17 pontos a primeira confissão de fé do continente. Esta confissão serviu para Villegagnon condenar à morte por afogamento três deles que morreram defendendo sua fé. Na caminhada para a morte, eles oravam, cantavam salmos e se consolavam mutuamente. Villegagnon mandou que Bordel explicasse o 5º artigo da confissão. Ao responder, uma bofetada do apóstata fez-lhe jorrar sangue da face. Cantando salmos, subiu à rocha; orou e, atado de pés e mãos, o algoz o arrojou as ondas. Seguiu-o Matthieu. Tendo orado, exclamando: Senhor Jesus, tem piedade de mim, e desapareceu no mar. Pierre Bourdon, fraco, debilitado, foi levado para a ilha. Lá cruzou os braços e elevou os olhos ao céu; orou. Foi precipitado e seu corpo desapareceu no abismo das águas. Foi assim naqueles tempos que os nossos irmãos pagaram com a vida a audácia de confessar a sua fé.

- Prestando Serviço em Amor

Jacques Le Balleur, calvinista convicto conseguiu fugir de Villegagnon, mas não de Anchieta, que o mandou matar e auxiliou na execução. Esta data magna (10 de março de 1557) merece ser lembrada como o dia em que a primeira semente do genuíno evangelho foi plantada em nosso solo. Por mais que tenha sido depois arrancada, hoje, depois de muitas lutas e tentativas, os protestantes estão espalhados pelos quatro cantos deste nosso vasto continente. A lição que fica de tudo isso, é que o exemplo da fé vibrante que nossos antepassados tiveram e como pagaram por aquilo que criam precisa ser honrada em nossos dias por homens e mulheres fidedignos que vivam o evangelho e o propagem com destemor. Hoje devemos contemplar a bandeira que um dia aqui se ergueu de homens que deram a própria vida por amor ao evangelho. Levantemos, pois, esta bandeira ensangüentada para que o mundo saiba do nosso compromisso com a verdade. Lutemos juntos para fazer deste país um lugar diferente, marcado pela ética e moral elevados, marcado por princípios cristãos reformados, marcado pelos exemplos de novos irmãos que, no decalque dos velhos, anseiam em entregar suas vidas pela obra de Deus. S.D.G.

Daniel Alves

. Pastor da IPC

- Cultuando ao Deus vivo

www.ipcanoas.com.br


Domingo, 16 de março de 2014 – Ano VI, Número 271

Informativo - IPC Somente na IPC

Lembre-se

ANIVERSARIANTES DE MARÇO “Ensina-nos a contar os nossos dias para que alcancemos coração sábio” Salmo 90:12

01 - Isaac Neves de Barcellos 03 - Pedro Berwanger 05 - Eduardo Marques dos Reis 10 - Daniel Alves da Costa Filho 12 - Ana Paula Ferreira Pelluzo 20 - Itamara Duarte Vargas Oliveira 21 - Cláudio Antônio Cardoso Leite 30 - Élen Mariane da Silva Gorski 31 - Élini Krebsky Bispo da Silva

TESOURARIA DA IPC Se desejar contribuir financeiramente com a expansão do Reino de Deus através desta Igreja, deposite: Banco Bradesco Agência: 275-5 C/C: 2204-7 Nome: Igreja Presbiteriana do Brasil em Canoas CNPJ: 15.210.813/0001-83 “Deus ama a quem dá com alegria” 2ª Coríntios 9:7

APRENDENDO SOBRE A BÍBLIA CAPÍTULO XVI DAS BOAS OBRAS II. Estas boas obras, feitas em obediência aos mandamentos de Deus, são o fruto e as evidências de uma fé viva e verdadeira; por elas os crentes manifestam a sua gratidão, robustecem a sua confiança, edificam os seus irmãos, adornam a profissão do Evangelho, tapam a boca aos adversários e glorificam a Deus, cuja feitura são, criados em Jesus Cristo para isso mesmo, a fim de que, tendo o seu fruto em santificação, tenham no fim a vida eterna. Referências: Tg. 2:18, 22; Sl. 116-12-13; I Pe. 2:9; I Jo. 2:3,5; 2 Pe. 1:5-10; II Co. 9:2; Mt. 5:16; I Tm. 4:12; Tt. 2:5, 912; I Tm. 6:1; I Pe. 2:12, 15; Fp. 1,11; Jo. 15:8; Ef. 2:10; Rm. 6:22. IPC

- Interessados pela Palavra de Deus

- Prestando Serviço em Amor

- Cultuando ao Deus vivo

www.ipcanoas.com.br


Domingo, 16 de março de 2014 – Ano VI, Número 271

Informativo - IPC

REFORMA DA IGREJA (FASE 1):

A IPC em 2014 está passando por reformas estruturais. Durante este ano contamos mais do que nunca com seu apoio e contribuição para efetivarmos a primeira fase da reforma da igreja que ficará em R$ 440.000,00. A previsão de termino é em julho, mas desde já queremos contar com seu apoio, compreensão e oração em favor desta grande obra que será de uso para toda a Igreja. Adquira seu carnê de contribuição, oferte voluntariamente para esta causa. Deus ama quem dá com alegria!

DIA

PREGA DIÁCONOS

BERÇARIO

CORDEIROS

JUNIORES

TEEN

BASES PRINCÍPIOS

CAMINHADA

16 EBD

Pr Daniel Roney e Waldemar

Aila e Ângela

Kátia

Elisiane

Élini

Cynthia

- Pb. Simonton

Pr Daniel

16 Culto

Pr Daniel Flávio e Rog. Moura

Aila e Ana Carol

Karen

-

-

-

-

-

23 EBD

Pr Daniel Fabiano e Yan

Aila e Ângela

Patrícia

Elisiane

Élini

Cynthia

- Daniel Rosberg

Pr Daniel

23 Culto

Pr Daniel Rog. Gil e Geziel

Patrícia e Thayná

Daniel Rosberg

-

-

-

-

-

Se não puder estar presente no dia escalado, providencie o substituto e informe ao pastor

IPC

- Interessados pela Palavra de Deus

- Prestando Serviço em Amor

- Cultuando ao Deus vivo

www.ipcanoas.com.br


Domingo, 16 de março de 2014 – Ano VI, Número 271

Informativo - IPC LITURGIA CULTO SOLENE AO SENHOR

• Prelúdio REUNIDOS ADORAMOS - Leitura bíblica: Salmo 27:4 - Confissão de Fé de Guanabara I - Oração - Hino do mês “Providência de Deus” nº 30 CONTRISTADOS CONFESSAMOS - Leitura bíblica alternada: Salmo 5 - Confissão de Fé de Guanabara X-XI - Oração Silenciosa (interlúdio musical) - Oração de Confissão - Cânticos Congregacionais GRATOS BENDIZEMOS - Leitura bíblica uníssona: Lucas 22:19-20 - Confissão de Fé de Guanabara V-VIII - Santa Ceia do Senhor - Coral - Oração (saída das crianças) REVERENTES OUVIMOS - Confissão de Fé de Guanabara XVIb-XVIIb - Mensagem: Rev. Daniel Alves CONSAGRADOS SERVIMOS - Confissão de Fé de Guanabara XVIa - Consagração de Dízimos e Ofertas - Hino “Necessitado” nº 122 - Oração Final/Bênção Apostólica/Amém Tríplice • Poslúdio

Tema: Texto: Anotações:

Nossos Contatos Pastor Efetivo: Rev. Daniel Alves da Costa (51) 3059-9578 / 8111-9569 E-mail: pr.daniel_alves@hotmail.com

Todos os sábados às 12h30min ouça o Programa “A

Ouça online:

http://www.felicidadegospel.com.br/

Palavra da Verdade”

Pastor Aux. Colaborador: Rev. Jedeias Almeida Duarte (11) 2812-6734 / 97017-2142 E-mail: revjedeias@gmail.com Pastor Emérito: Rev. Floyd Eugene Grady In memorian (51) 3501-4522 – Marina (viúva) Vice-Presidente: Presb. Vilmar Diemer de Oliveira (51) 3059-3153 / 8131-8130 E-mail: vilmardiemer@gmail.com 1º Secretário: Presb. Reinaldo Francisco da Silva Júnior (51) 3059-9282/ 8134-3525 E-mail: naldorei.junior@gmail.com 2º Secretário: Presb. Paulo Rodrigues Wanderley (51) 3471-3493 / 9909-7038 E-mail: pauloswander@bol.com.br 3º Secretário: Presb. Fabio dos Reis (51) 3472-1938/ 8201-8222 E-mail: fabiosdk@hotmail.com Presb. Erasmo Rodrigues Lima (51) 3471-3028/ 8146-2050 E-mail: ramostobias@yahoo.com.br

Rua 383 - N. S.pela das Graças; (RS) - CEP 92110-040 -Serviço Fone: (51) ipcanoas@ipb.org.br IPCda Figueira, - Interessados PalavraCanoas de Deus - Prestando em3059-9577 Amor - E-mail: - Cultuando ao Deus vivo

www.ipcanoas.com.br

Informativo ipc 271  

Boletim semanal da Igreja Presbiteriana de Canoas

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you