Page 1

66 Ano 15 Setembro/Outubro

2017

Informativo do Grupo IOV

IOV é destaque no 3º Lean Summit Saúde Brasil

EVENTO É O PRINCIPAL DA ÁREA NO PAÍS E É TOTALMENTE DEDICADO À APLICAÇÃO DA FILOSOFIA LEAN NA SAÚDE

O

case Em Busca do Cuidado Perfeito, apresentado pelo diretor executivo do Instituto de Oncologia do Vale, Dr. Carlos Frederico Pinto, foi um dos destaques do 3º Lean Summit Brasil, o principal evento dedicado à aplicação da filosofia Lean no Brasil. Em sua apresentação, o Dr. Frederico relatou um pouco da jornada do IOV ao longo dos últimos 9 anos e demonstrou como as iniciativas adotadas têm revolucionado a maneira como seus pacientes recebem cuidados. “O IOV tem muitos resultados das iniciativas baseados na filosofia Lean que impactam diretamente

na qualidade do cuidado oferecido aos nossos pacientes. Ficamos muito felizes por poder compartilhar isso”, afirma a gerente Lean Office do IOV, Stela Maris Antunes Coelho Atualmente, o IOV é considerado pelo Lean Institute como uma das mais avançadas iniciativas com lean em saúde no mundo e reconhecido internacionalmente por sua excelência, sendo a única instituição brasileira a obter certificação QOPI (Quality Oncology Practice Initiative), concedida pela ASCO (American Society of Clinical Oncology). “Nestes 4 anos desde o primeiro evento, notamos

um amadurecimento muito grande da aplicação do Lean na área da saúde. No primeiro evento, tivemos só três cases com um médico apresentando. Nesta 3ª edição, já são 12 cases e 90% dos palestrantes eram médicos. Creio que as pessoas entenderam que Lean não é só sobre processos, mas é uma grande transformação”, afirma Flávio Battaglia, do Lean Institute Brasil.

Além do IOV, compartilharam suas experiências hospitais e clínicas médicas do Brasil, EUA, Espanha, Argentina e Chile, que se encontram em diferentes estágios de evolução na aplicação da filosofia Lean e estão transformando a maneira como fazem gestão, cuidam de pacientes e desenvolvem pessoas através do pensamento Lean.

O IOV tem muitos resultados das iniciativas baseados na filosofia Lean que impactam diretamente na qualidade do cuidado oferecido aos nossos pacientes


2

CAPA

EDITORIAL

22 anos de sucesso e melhoria contínua

A

o completar 22 anos, o Instituto de Oncologia do Vale tem muitos motivos para comemorar. Além de termos conquistado importantes certificados de qualidade, adotado o modelo de Cuidado Coordenado que trouxe benefícios aos nossos pacientes, estamos cada vez mais sendo reconhecidos como uma referência na filosofia Lean. Marcamos presença e tivemos destaque no último Lean Summit Saúde Brasil, recebemos visitantes internacionais do Lean Global Network que nos deram feedbacks muito positivos do nível de maturidade que temos na aplicação da filosofia Lean. Essa visita também foi marcada pelo posicionamento de mais autonomia das nossas lideranças que assumiram as apresentações feitas para os visitantes, demonstrando que hoje a filosofia Lean já foi incorporada pelos nossos times. Tudo isso nos deixa muito felizes, pois temos certeza que estamos no caminho certo, preparando nossa equipe e mantendo-a sempre em busca dos melhores processos para garantir que nossos pacientes tenham um atendimento alinhando com as melhores práticas mundiais de assistência.

Stela Maris Antunes Coelho Gerente Lean Office do IOV

Visita guiada ao IOV fez parte da programação do Lean Summit

C

erca de 30 pessoas participaram de uma visita guiada do Instituto de Oncologia do Vale, que foi organizada pelo Lean Institute Brasil, como parte da programação do Lean Summit Saúde Brasil. O IOV foi escolhido para sediar a visita devido ao grau de maturidade que a instituição se encontra na aplicação do Lean. Durante o evento, os visitantes puderam conhecer in loco o impacto que as técnicas e conceitos da filosofia Lean podem ter para os resultados de longo prazo de uma organização de saúde, passando por áreas como gestão da estratégia, fluxos assistenciais da quimioterapia, farmácia e manipulação das medicações, cadeia de suprimentos, faturamento, autorizações e processos suporte. “A visita também foi muito positiva para o nosso crescimento como time, pois foi a primeira vez que nossos Site Managers receberam sozinhos os visitantes e apresentaram nossos projetos. Além disso, entre o grupo de visitantes estavam pessoas de empresas de diversas áreas e que são referência em Lean, como a 3M, a SulAmérica, o Hospital Aliança, entre outros, o que promoveu uma troca de experiências muito rica”, afirma a gerente Lean Office do IOV, Stela Maris Antunes Coelho.

EXPEDIENTE Responsável Técnico: Dr. Carlos Flávio Turci – CRM 27.301 / Diretoria: Dr. Adriano Diniz B. Mendes, Dr. Carlos Flávio Turci, Dr. Carlos Frederico Pinto e Dr. Marcelo Taborda | Comunicação e MKT IOV: Fabiano Gaspar Vieira | IOV & Você circula junto aos pacientes, familiares, área médica e profissionais da saúde. Correspondências devem ser enviadas sob o título “Jornal IOV & Você” para: Rua Major Antônio Domingues, 472 – SJC – 12.245-750. Tel.: (12) 3924-9055. E-mail:iov@iov.med.br *Registrado no cartório de registro de notas e documentos sob o número 171517 | Produção: Agência de Imprensa - Tel.: (12) 3307-5764 - www.agenciadeimprensa.com.br – Coordenação de Jornalismo e Edição: Areta Braga – Jornalista Responsável: Areta Braga - MTb 38.005 – Redação: Areta Braga Fotos: Arquivo/ Divulgação – Diagramação: Adriano Augusto – Revisão: Flávia Gavioli – Gráfica: Copcentro – Tiragem: 600 exemplares.


3

CAPA

Representantes do Lean Global Network visitaram o IOV

V

isando a contínua melhora do cuidado e da assistência por meio da aplicação da filosofia Lean, o Instituto de Oncologia do Vale tem apostado muito na troca de informações com profissionais de diversas localidades do mundo. Como parte desta troca, o IOV recebeu a visita de representantes do Lean Global Network, instituição que compartilha o propósito de disseminar a filosofia Lean em seus respectivos países. Estiveram presentes a diretora executiva do Lean Enterprise Institute, Alice Lee, o diretor do Lean Institute Brasil, Flávio Battaglia, e o presidente do Institute Lean Management em Barcelona, Oriol Cuatrecasas.

Segundo a gerente Lean Office do IOV, Stela Maris Antunes Coelho, eles executaram um exercício para o desenvolvimento de liderança com a equipe do Instituto de Oncologia do Vale e do Hospital Municipal Dr. José de Carvalho Florence, que está iniciando a aplicação da filosofia Lean com o apoio do IOV. Além disso, puderam conhecer os projetos do Instituto e ainda realizaram uma reunião internacional da

Lean Global Network. “Um dos objetivos do Summit é permitir que as pessoas façam visitas às instituições que já estão aplicando o Lean, entendam realmente como os projetos e as experiências são transformadoras, porque estamos falando de realmente gerar sinergia, aprender uns com os outros e transformar a nós mesmos e não apenas processos”, concluiu Oriol.

Um dos objetivos do Summit é permitir que as pessoas façam visitas às instituições que já estão aplicando o Lean, entendam realmente como os projetos e as experiências são transformadoras


4

RADIOTERAPIA

Novo equipamento agiliza ainda mais o atendimento da radioterapia

O

Cenon adquiriu um novo aparelho eletrônico de imagem que agilizou ainda mais o atendimento dos pacientes de radioterapia do Grupo IOV. O Portal IVS também aumentou a eficácia do tratamento e ainda tornou o processo mais limpo, pois eliminou a necessidade de processamento químico das chapas de raio-x que eram utilizadas e melhorou a qualidade das imagens usadas para posicionar os pacientes na radioterapia. “Com o IVS, a calibragem e o processamento das imagens são feitos com muito mais agilidade. Além disso, ele permite que possamos visualizar as imagens e medidas imediatamente na tela, bem como sobrepor digitalmente a imagem que está sendo realizada com o de exames de tomografia do paciente, permitindo que a equipe médica tenha mais dados para definir o tratamento”, conclui o físico médico, Alexandre Ruggieri Serante.

Equipe de radioterapia utilizando o IVS

COMEMORAÇÃO

Colaboradores e IOV comemoram aniversário

T

oda última terça-feira do mês, o Instituto de Oncologia do Vale promove uma comemoração que envolve todos os colaboradores e os aniversariantes do mês, com direito a canto de

parabéns e bolo. Em setembro, a comemoração contou com um aniversariante a mais, o próprio IOV que comemorou 22 anos de história no dia 15 com muitas conquistas e certificações de qualidade.


5

DESTAQUE

IOV disponibiliza touca que reduz queda de cabelos durante tratamento quimioterápico

A

queda dos cabelos durante o tratamento quimioterápico é um dos principais receios, principalmente, das mulheres, podendo afetar a autoestima. Por isso o Instituto de Oncologia do Vale está oferecendo, sem custos para os pacientes, conforme indicação médica e orientação da equipe de enfermagem, uma touca hipotérmica que pode reduzir a queda dos cabelos. “Entendemos que a autoestima é fundamental para que se possa obter uma melhor resposta ao tratamento. E, por isso, estamos disponibilizando mais este recurso conforme recomendações atualizadas e evidenciadas em estudos clínicos”, disse a gerente de enfermagem, Leonídia Altoé. O processo de utilização da touca hipotérmica é realizado com acompanhamento

médico e de enfermagem especializados. Cerca de 30 minutos antes de começar a quimioterapia, o couro cabeludo do paciente é molhado para facilitar a aderência. Uma touca descartável é colocada para proteger a cabeça, pois como a touca hipotérmica é extremamente gelada, pode ferir o couro cabeludo se ficar em contato direto com a pele por muito tempo. A touca hipotérmica é substituída por outra a cada 30 minutos, para manter a temperatura gelada, evitando que a quimioterapia chegue ao folículo capilar. Para atingir o máximo do efeito esperado com a utilização da touca hipotérmica também é necessário que o paciente siga algumas recomendações e cuidados com o couro cabeludo e os fios de cabelo no seu cotidiano durante o tratamento.

Entenda como funciona a Touca Hipotérmica Quando se coloca a touca hipotérmica, os vasos sanguíneos da região do couro cabeludo se contraem, diminuindo o fluxo de sangue na região. Dessa forma, a quantidade de medicamento que chega até a raiz do cabelo é menor. A chance de diminuir a queda de cabelo varia entre 50% a 60%.

EVENTO

Dia do Cuidador traz orientações sobre o papel dos cuidadores

E

m novembro, os cuidadores dos pacientes tiveram um tempo especial no IOV de São José dos Campos. No Dia do Cuidador, eles puderam participar de uma série de palestras preparadas pela equipe multiprofissional do Instituto de Oncologia do Vale. “Os cuidadores sempre vêm com muitas

expectativas, porque costumam se cobrar para serem perfeitos e acabam sofrendo muito. No Dia do Cuidador cada membro da equipe multiprofissional traz informações da sua área de atuação que o ajudam a entender qual é o seu papel, bem como identificar quando podem estar ultrapassando o próprio limite e se colocando em

riscos, como por exemplo, a depressão”, explica a psicóloga Patrícia Gonçalves da Silva Castro. Segundo ela, quando se preparam para entender o que está acontecendo, aceitam que neste processo de tratamento muitas vezes os papéis podem se inverter e quem sempre cuidou pode necessitar de cuidado, implicando a perda

da autonomia e identidade, que mesmo nesse contexto deve ser respeitada. O cuidador com suporte da equipe multiprofissional e conhecimentos que podem ser adquiridos tende a agir com mais equilíbrio e ter um autocuidado maior, garantindo melhor qualidade de vida tanto para ele quanto para o paciente.


6

RELATÓRIOS DE SEGURANÇA

Segurança do Paciente no Grupo IOV ALERTAS DE SEGURANÇA O sistema de gestão do IOV é centrado no paciente com foco na segurança. As equipes de Atendimento, Farmácia, Enfermagem e Administrativo utilizam o Round de Segurança e o Quadro Gerador de Ideias com o objetivo de ajudar no planejamento e na integração das equipes. Alertas de Segurança foram desenvolvidos para identificar e eliminar riscos. Quanto mais o processo é analisado e são abertos alertas, mais mais seguro fica e a possibilidade de um Evento Sentinela ocorrer se torna mínima. Caso ocorra, algum Evento, são utilizadas ferramentas para detecção, análise e criação de barreiras para que estes não ocorram novamente.

ALERTAS DE SEGURANÇA - UNIDADES DE RADIOTERAPIA 2017

ALERTAS DE SEGURANÇA - UNIDADES DE QUIMIOTERAPIA 2017

Observamos uma leve queda nos números de Alertas de Segurança. Ação: discutir em fechamento do Quadro de Ideias / Alertas de Segurança com objetivo de retornarmos ao indicador de 100/mês.


7

EVENTO SENTINELA A classificação de causas de um possível erro é denominada Evento Sentinela que, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), é um incidente inesperado e indesejável associado aos cuidados ou serviços prestados ao paciente que atingiu o cliente ou paciente. O incidente ocorre durante o processo de recebimento de serviços de saúde.

SENTINELA POR APLICAÇÃO - UNIDADES DE RADIOTERAPIA

2017

SENTINELA POR PROCEDIMENTO - UNIDADES DE QUIMIOTERAPIA 2017

Observamos nos gráficos que o índice de Eventos Sentinelas está abaixo de 0.

TRIGGERS O Triggers é uma ferramenta para medir e investigar possíveis danos ocorridos em função de tratamentos oferecidos ao paciente. Inicialmente, ela foi criada pelo IHI (Institute for Healthcare Improvement) para o ambiente hospitalar, mas a equipe do IOV a adaptou para o ambiente ambulatorial e clínico. “Esta ferramenta nos permite identificar possíveis danos por meio de auditorias multidisciplinares, bem como discutir e desenvolver planos para melhoria da assistência por meio da criação de barreiras de prevenção de risco”.

GLOBAL TRIGGERS TOOL - IOV J.K.

Measure #1: Danos/1000 atendimentos Measure #2: Danos/1000 procedimentos

GLOBAL TRIGGERS TOOL -UNIDADE DE QUIMIOTERAPIA SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

Measure #1: Danos/1000 atendimentos Measure #2: Danos/1000 procedimentos

No gráfico da unidade de quimioterapia São José dos Campos, nos meses julho e agosto, identificamos 5 eventos/danos e no gráfico da unidade de quimioterapia Taubaté, no mês de fevereiro, identificamos 2 eventos/danos, que foram tratados. Mantemos o índice previsto de ≤ 5 eventos/danos para 1000 atendimentos/procedimentos.


8

OFICINAS

Histórias inspiradoras marcaram a Oficina de Qualidade de Vida de Outubro em São José dos Campos

O

IOV de São José dos Campos promoveu uma Oficina de Qualidade de Vida especial que contou com toda a força e inspiração das mulheres. Para celebrar o Outubro Rosa, a edição deste mês brindou com um café da manhã e um bate-papo com cinco pacientes que têm lindas histórias de superação para compartilhar e inspirar outras vidas. Marília Bonades Almeida descobriu um câncer de mama bilateral, em agosto de 2014, durante um exame de rotina e afirma que a doença, além dos impactos físicos trouxe uma grande mudança espiritual. “Aprendi a ter resiliência, a confiar em Deus, a ter calma e ser positiva no tratamento, assim tudo daria certo no final, a dar mais valor à vida, no tempo, nas pessoas, em coisas simples, como tomar banho e comer. Aprendi a me conhecer melhor, saber que sou muito mais forte do que eu imaginava e a ter equilíbrio emocional”, conta. Atualmente, ela planeja viver um

dia após o outro, voltou a trabalhar e deseja adotar um filho com o marido. “Já estamos na fila da adoção e agora é só esperar a mão de Deus agir. Quero voltar à rotina, mas sem me perder no caminho com tantas cobranças e obrigações, ser leve e positiva como fui esculpida durante o tratamento. Gosto dessa minha nova versão”, afirma. Segundo Natalí de Paula Silva, uma das convidadas para compartilhar suas experiências, o câncer pode levar as pessoas a melhorarem sua vida. Depois da descoberta de um câncer de mama e de ovário, ela passou a adotar a frase “eu não sou obrigada” e escolher aquilo que realmente faz bem para ela. Além disso, ela também descobriu uma nova profissão. Hoje, atua como pintora e vende seus quadros para todo o Brasil. “O câncer é uma peneira. Ele limpou minha vida, só ficaram os amigos de verdade e vieram outras pessoas maravilhosas e ainda me permitiu descobrir o talento da pintura”, conta.

Já a advogada Vânia Regina Leme da Silva compartilhou que quando descobriu um câncer de mama que a levou a fazer uma mastectomia bilateral, fazia apenas um ano que havia perdido o pai também de câncer. “Quando recebi o diagnóstico fiz a promessa de que o câncer não ia me tirar nada, porque a gente que decide o que ele vai nos tirar”, disse. Além de não tirar nada, a superação do câncer lhe trouxe coisas novas. Ela, que lutava jiu jitsu, estabeleceu novas metas como correr uma maratona, por exemplo, e ainda foi uma das convidadas para conduzir a tocha olímpica durante a passagem por São José dos Campos. A fonoaudióloga Marjorie Galeta Vannuci já tinha o histórico de câncer de mama na família e descobriu um carcinoma que a levou a fazer uma mastectomia bilateral aos 29 anos, mas apesar de todo o medo e preocupação com a doença, ela trouxe muito mais coisas boas do que ruins. “Tive dias ruins, dificuldades com a quimioterapia,


9

mas vivi muitas coisas boas e aprendi a me permitir mais. Já até fiz um ensaio fotográfico sensual mostrando a minha careca”, diverte-se. Viver um dia de cada vez e ser mais feliz foram os aprendizados que a biomédica Dayana Rodrigues Amaral teve depois de descobrir um câncer de mama aos 25 anos e apenas um mês após se casar, ter um diagnóstico de metástase no pulmão e nos ossos. Hoje, aos 30 anos, ela participa de uma série de eventos para poder atuar mais em favor dos direitos dos pacientes oncológicos e mudou sua visão sobre a doença. “Sou uma pessoa muito melhor, tanto o primeiro diagnóstico quanto a metástase me fizeram evoluir muito. Hoje, eu vivo um dia de cada vez, faço aquilo que me faz feliz, danço, viajo e busco muito

aprender sobre o câncer e entender o tratamento. Uma das coisas que aprendi é a ter um olhar diferente sobre o

cuidado paliativo. Agora eu entendo o quanto ele é importante para te proteger das dificuldades do tratamento”, conclui.

Oficina de Qualidade de Vida conta com tarde da beleza em Taubaté

U

ma tarde com muita alegria, beleza e autovalorização, essa foi a Oficina de Qualidade de Vida, promovida pela equipe multiprofissional do IOV de Taubaté, no mês em que se comemora o Outubro Rosa. A programação contou com o apoio da maquiadora e consultora da Mary Kay, Dayse Lucia Pereira, que produziu as participantes, e da fotógrafa Patti Morais, que clicou as pacientes em fotos que valorizaram a autoestima. “Com a maquiagem, as fotos e o momento de descontração, elas tiveram a oportunidade de esquecer

Significa muito poder oferecer de coração um trabalho para mulheres que lutam fortemente todos os dias contra o câncer

um pouco da doença e se viram bonitas e poderosas”, contou a farmacêutica Fabiene de Souza da Silva Freitas. Para a fotógrafa Patti Moraes, participar da oficina foi um momento único. “Significa muito poder oferecer de coração um trabalho para mulheres

que lutam fortemente todos os dias contra o câncer. Encontrá-las com um sorriso no rosto, pela felicidade de mais um dia vencido, é muito emocionante. Me sinto grata por ter participado e conhecido mulheres tão fortes como elas”, disse.


10

OFICINAS

Oficina de qualidade de vida leva um pouco de alegria aos pacientes

Q

uem nunca ouviu que rir é o melhor remédio e que o riso faz bem para a saúde? Foi com base neste princípio e buscando o bem-estar dos pacientes que a Oficina de Qualidade de Vida, como parte da sua programação cultural, convidou a equipe do Compartilhando Risos e o Palhaço Jurubeba para visitarem o IOV. Em São José dos Campos, os responsáveis por levar alegria, trazer conforto afetivo e ajudar os pacientes a se conectarem com o lado saudável da vida foram os Doutores Magrelo, Gigica Canjica e Gordela do Campartilhando Riso. “Viemos vestidos dessa maneira, andando meio diferente, com olhar atento para trazer humanização, lembrar nossa criança interior. Nosso corpo e alma não necessitam apenas do remédio, precisam também dessa alegria, de vibração positiva. Isso ajuda no tratamento, faz com que a gente se fortifique e se sinta melhor”, conta o Dr. Magrelo, que desde 2011 leva alegria para os hospitais da região.

Quem nunca ouviu que rir é o melhor remédio e que o riso faz bem para a saúde?

Já em Taubaté quem fez muitas trapalhadas, apresentação de mágica e arrancou gargalhadas foi o Dr. Jerubeba, que por baixo da maquiagem esconde o enfermeiro Wagner Grandi Pires, que há 2 anos descobriu um melanoma e é paciente do IOV. “Hoje eu já estou só fazendo exames de monitoramento, mas sei exatamente como cada paciente se sente e o quanto rir, manter o bom humor e sair da rotina é importante para o tratamento. Para mim, é uma grande satisfação poder compartilhar um pouco de alegria, pois o palhaço me ajudou a enfrentar o câncer com mais leveza”, conta. Palhaço há mais de 10 anos, Vagner atuava em hospitais e foi este trabalho voluntário que despertou o seu olhar para o cuidado e o levou à carreira na área de enfermagem. “Eu quis unir este lado lúdico com o científico e mesmo atuando como enfermeiro sempre tinha um truque no bolso para ajudar a descontrair algum paciente e auxiliar no controle da dor”, afirma. Nas duas unidades do IOV, os pacientes foram contagiados pelas palhaçadas e participaram com muita animação dos truques e brincadeiras.


11

EQUIPE

Equipe Multiprofissional promove qualidade de vida a pacientes

A

lém de oferecer o que há de mais moderno no tratamento oncológico, a equipe multiprofissional do Instituto de Oncologia do Vale busca oferecer qualidade de vida para os pacientes e seus familiares por meio de um olhar integral. “Nosso objetivo é garantir que o paciente, ao receber um atendimento multiprofissional, possa ter uma atenção que abranja todas as suas necessidades

individuais, proporcionando bemestar e qualidade de vida durante o tratamento”, afirma a médica oncologista e coordenadora da Equipe Multiprofissional do IOV São José dos Campos, Dra. Cristiane Bittencourt. Composta por médicos, enfermeiras, psicóloga, fisioterapeutas, farmacêuticos, nutricionista e assistente social, a equipe multiprofissional presta assistência integral a cada paciente e também é responsável pela organização

e realização de eventos como: Oficina de Qualidade de Vida, Dia do Cuidador, Ações de Prevenção e Combate ao Câncer (Dia Mundial de Combate ao Câncer, Dia Nacional de Combate ao Fumo e Dia Nacional de Combate ao Câncer). Com a coordenação da Equipe Multiprofissional, o IOV também já promoveu o Simpósio Multiprofissional de Oncologia do Vale do Paraíba, que já reuniu mais de 500 profissionais e estudantes da área de saúde.

Nosso objetivo é garantir que o paciente, ao receber um atendimento multiprofissional, possa ter uma atenção que abranja todas as suas necessidades individuais, proporcionando bemestar e qualidade de vida durante o tratamento

Comissão de Controle de Infecção do IOV faz avaliação de materiais técnicos Visando sempre à qualidade do atendimento e segurança dos pacientes, a Comissão de Controle de Infecção (CCI) do Instituto de Oncologia do Vale, além de ser responsável por monitorar e reduzir o risco de infecção, também faz a aprovação de todos os materiais técnicos que são utilizados no atendimento aos pacientes. Esse trabalho é realizado em conjunto com as equipes da Farmácia e da Enfermagem. Segundo a VSM do Fluxo de Assistência do IOV, Elisangela Romano, o Grupo IOV somente compra materiais

de fornecedores certificados e isso traz muitos benefícios. “Esse processo garante a segurança dos procedimentos e também a redução de desperdício, pois as equipes que utilizarão os suprimentos participam do processo para escolher os produtos com mais qualidade e facilidade de manuseio”, afirma. Antes de começar a comprar de um

fornecedor, a equipe da CCI solicita uma ficha técnica do produto e ele é enviado para a equipe de farmácia ou de enfermagem testar. Se eles gostarem, é realizada uma visita de qualificação ao fornecedor e somente depois ele é homologado para que o departamento de compras possa fazer as negociações e aquisições.


12

SEGURANÇA

Simulado de emergências prepara os brigadistas para garantir a segurança de pacientes e colaboradores

A

cultura de segurança é uma prioridade para o Instituto de Oncologia do Vale. Ela é a base que leva a equipe da brigada de emergência a realizar simulados anualmente. O mais recente aconteceu, no final do mês de outubro, e contou com a participação da equipe, pacientes, visitantes e acompanhantes. Na ocasião, o alarme de emergências do IOV de São José dos Campos foi acionado e os brigadistas tiveram que realizar o plano de abandono de área do prédio seguindo os procedimentos de

emergências. Todos os participantes foram conduzidos ao ponto de encontro onde foi realizada uma conversa para esclarecer sobre os procedimentos de emergência e a importância do exercício. “Estes treinamentos são muito importantes para aprimorar a técnica de nossos brigadistas e identificar pontos de melhoria garantindo que estejamos devidamente preparados para agir em uma emergência, pois apesar de termos um baixo grau na classificação de incêndio, atuamos,

principalmente, com pacientes frágeis e que podem ter um mal-estar. Por isso, damos atenção especial à formação dos nossos brigadistas para poderem realizar atendimentos de emergências e garantir a segurança de todos”, explica o técnico em segurança do trabalho, Maurício Gomes. Para o líder da brigada de emergências da unidade de São José dos Campos, Adelmo Costa Teixeira, é notável o quanto os simulados contribuíram para a preparação dos brigadistas quanto a importância do Plano de Evacuação e

Atendimento a Emergências. Muitas das vezes esse tipo de atendimento não faz parte do dia a dia de trabalho de alguns membros da equipe por não estarem ligados diretamente ao trabalho assistencial. “Eu mesmo aprendi muito nos 12 anos que estou na equipe da brigada, pois sou da área de logística e na minha rotina de trabalho não faço nenhum atendimento assistencial. Hoje, como brigadistas, conseguimos realizar um abandono de área com qualidade e eficiência, garantindo uma abordagem tranquila e a segurança de todos”, conclui.

IOV.COM.BR

IOV. SAÚDE DE PRIMEIRO MUNDO PARA VOCÊ. A primeira clínica da América Latina a receber a certificação QOPI®, que reconhece as melhores práticas oncológicas.

Dr. Carlos Flávio Turci Responsável Técnico CRM-SP27301

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS 12 3924-9055

TAUBATÉ

Quality Cancer Care: Recognizing Excellence

12 3426-9055

IOV&VOCÊ Edição 66  

Informativo do Grupo IOV

IOV&VOCÊ Edição 66  

Informativo do Grupo IOV

Advertisement