Page 1

61 Ano 14 Novembro/Dezembro

2016

Informativo do Grupo IOV

Colaboradores do IOV se reúnem em coral e emocionam pacientes

C

om o objetivo de alegrar o fim de ano dos pacientes, colaboradores do IOV se reuniram e formaram um coral especial de Natal. As apresentações aconteceram no dia 15 de dezembro, na recepção e na quimioterapia do IOV São José dos Campos e na recepção do CENON Major.

O espírito de natal se fez forte e presente, contagiando a todos Participaram dessa ação 16 colaboradores de diversos setores, que cantaram três músicas: “A paz” (Versão da banda Roupa Nova), “Marcas do que se foi” (Versão da banda Fevers) e “Quero ver” (Canção de Natal). O grupo contou ainda com um convidado especial, o marido de uma das integrantes, Gabriel Minder, que abrilhantou a apresentação, tocando violão. A ideia do coral

surgiu quando a médica oncologista e coordenadora da Equipe Multiprofissional, Dra. Cristiane Dias Bittencourt, assistiu a um vídeo de um coral formado por voluntários, que visitava hospitais cantando em uma UTI infantil. “Pensei que seria muito bom fazer isso pelos nossos pacientes e que seria ainda mais bonito se os voluntários fossem os próprios colaboradores. Então, quando fomos organizar a atividade da Oficina de Qualidade de Vida especial de Natal, levei a ideia para a reunião da Equipe Multiprofissional. Abrimos as inscrições e tivemos interessados de todos os setores do IOV. A ideia foi tão bem recebida que tivemos até lista de espera. Diversos setores estavam representados de forma voluntária no coral”, afirma a médica oncologista. Os ensaios começaram um mês antes das apresentações e foram realizados com muita descontração, alegria e empenho. “A maioria dos participantes não tinha nenhuma experiência com

música. Fomos agraciados com uma colaboradora da recepção que já cantava e a psicóloga que já foi professora de canto. Quando o amor floresce as forças se agregam!”, afirma a gerente de enfermagem, Leonídia Altoé. Essa foi a primeira apresentação do coral, mas, segundo a gerente de enfermagem a ideia é continuar com as apresentações em outras datas comemorativas, já que a ação foi tão bem recebida por todos. “A emoção tomou conta dos nossos corações.Os pacientes, visitantes e acompanhantes se emocionaram com a apresentação do coral. Esquecemos que estávamos na sala de quimioterapia ou na espera para a radioterapia. Tudo era paz! O espírito de natal se fez forte e presente, contagiando a todos. A iniciativa da Dra. Cristiane foi brilhante e no que depender dos nossos colaboradores, vamos viver momentos ainda mais lindos”, afirma Leonídia Altoé.

Alguns dias antes da apresentação do coral, foram disponibilizados cartões de Natal em branco na recepção do IOV e do CENON, para que as pessoas escrevessem mensagens natalinas anônimas e sem destinatário. Dessa forma, pacientes, familiares e colaboradores do IOV escreveram as mensagens e as depositaram em uma urna. “Após cada apresentação, os membros do coral distribuíam esses cartões com as mensagens para os pacientes e acompanhantes presentes. Com isso nossa ideia era disseminar ainda mais o espírito natalino”, comenta a médica oncologista Dra. Cristiane Bittencourt. Use esse QR CODE em seu smartphone e assista a apresentação do coral:


2

EDITORIAL

OFICINAS

A

creditamos que cada indivíduo é tocado por singelas atitudes de amor. Refletimos o cuidado do paciente, em toda a sua jornada conosco, com muito carinho, respeito e dedicação, oferecendo sempre o nosso melhor. Com esse pensamento, ao longo de mais de duas décadas, buscamos interagir além da rotina de trabalho, com nossos pacientes e equipes de colaboradores. A humanização das relações foi o nosso caminho. Começamos a atuar além das paredes da clínica levando o tema da prevenção para escolas públicas e particulares da nossa região. Além disso, levamos para a população geral o Programa de Combate ao Câncer, que nos permitiu orientar e informar milhares de pessoas sobre prevenção do câncer e qualidade de vida. Também tivemos uma iniciativa que trouxe a arte para dentro das nossas unidades, através de exposições de quadros e palestras de artistas regionais. Nascia então o projeto Arte&Vida que começamos a conduzir há 9 anos. Nesse fim de ano, motivados a trazer pela música todo bem estar e sensação de alegria que o Natal envolve, promovemos, pela primeira vez, tanto para pacientes e colaboradores da Quimioterapia, como também da Radioterapia, um Coral de Natal composto por colaboradores no encerramento da Oficina de Qualidade de Vida. Descobrimos uma equipe de profissionais de saúde muito afinada e talentosa! Gestos como esses nos permitem ter uma troca ainda mais verdadeira entre o IOV e toda a nossa comunidade. Esperamos caminhar ainda mais no sentido da humanização em 2017. Carinhosamente,

Oficina de Qualidade de Vida em Taubaté celebra as festas de fim de ano

A

última edição da Oficina de Qualidade de Vida do IOV de Taubaté foi marcada pelas comemorações natalinas. Pacientes, familiares e equipe do IOV se reuniram em uma confraternização que contou com uma apresentação musical. Para a oncologista clínica Dra. Glaucia Ribeiro Albino Zucarelli as oficinas são uma parte muito importante do trabalho desenvolvido pela Equipe Multiprofissional, que estimula os pacientes a adotarem práticas que valorizam uma alimentação saudável, atividades físicas e autoestima. “Buscamos criar meios de empoderar nossos pacientes e seus familiares, para que eles assumam o controle da situação e vivam além da doença. O câncer não define ninguém, portanto, é importante viver o mais próximo o possível do normal”, afirma. AÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL DO IOV TAUBATÉ, PROMOVIDAS EM 2016:

Oficina de Qualidade de Vida: Carnaval, Festa Junina, Novembro Azul e Encerramento de Natal. Dia do Cuidador: Foram duas edições. Uma em junho e outra em outubro. Datas comemorativas: Dia das Mães, Dia Internacional da Mulher, Dia dos Pais e Outubro Rosa.

Leonídia Altoé Gerente de enfermagem

Os eventos foram voltados para assuntos de interesse dos pacientes e cuidadores, sempre focando na melhora da qualidade de vida nas diversas etapas do tratamento e prevenção, levando informações importantes e esclarecedoras que ajudam a controlar medos, sanar dúvidas e resolver inseguranças e incertezas, além de promover momentos de lazer e descontração em algumas atividades.

EXPEDIENTE Responsável Técnico: Dr. Carlos Flávio Turci – CRM 27.301 / Diretoria: Dr. Adriano Diniz B. Mendes, Dr. Carlos Flávio Turci, Dr. Carlos Frederico Pinto e Dr. Marcelo Taborda | Comunicação e MKT IOV: Fabiano Gaspar Vieira | IOV & Você circula junto aos pacientes, familiares, área médica e profissionais da saúde. Correspondências devem ser enviadas sob o título “Jornal IOV & Você” para: Rua Major Antônio Domingues, 472 – SJC – 12.245-750. Tel.: (12) 3924-9055. E-mail:iov@iov.med.br. *Registrado no cartório de registro de notas e documentos sob o número 171517 | Produção: Agência de Imprensa - Tel.: (12) 3913-3858 - www.agenciadeimprensa.com.br – Coordenação de Jornalismo e Edição: Areta Braga – Jornalista Responsável: Areta Braga - MTb 38.005 – Redação: Liane Mota, Helen Camargo e Rafaela Garcia - Fotos: Arquivo/ Divulgação – Diagramação: Luiz Carlos Coltro – Revisão: Maurícia Maciel – Gráfica: Copcentro – Tiragem: 800 exemplares.


3

EDUCAÇÃO CONTINUADA

Segurança nos processos de farmácia oncológica é tema do encontro do GEFO

A

responsável técnica da farmácia do IOV, Elizangela Eugênio, apresentou o case “Processos mais seguros na farmácia oncológica através da gestão Lean”, para 29 farmacêuticos oncológicos de instituições da região que estiveram presentes no último encontro de 2016 do Grupo de Estudos de Farmacêuticos Oncológicos (GEFO), realizado no dia 24 de novembro. Segundo Elizangela, o convite para falar sobre o tema na reunião veio depois que ela compartilhou o tema no Congresso da SOBRAFO (Sociedade Brasileira de Farmacêuticos Em Oncologia). “Os farmacêuticos do Grupo que não estiveram no

congresso solicitaram que eu falasse sobre o assunto no GEFO, pois o IOV tem se dedicado ao tema com excelentes resultados, tais

Estamos cumprindo a missão do IOV de ser protagonista global na luta contra o câncer como enxugar, padronizar e tornar os processos da farmácia mais seguros”, explica Elizangela que afirma que o interesse dos farmacêuticos na mentalidade Lean aumentou. “Muitos pediram para visitar o IOV e para conhecer mais detalhadamente os processos que temos.

Nós ficamos muito felizes com isso, pois sentimos que estamos cumprindo a missão do IOV de ser protagonista global na luta contra o câncer, partilhando

conhecimento e experiências que podem mudar toda uma gestão e como resultado agregar valor ao paciente com processos mais seguros”, afirma Elizangela.

SOBRE O GEFO O GEFO tem o objetivo de promover a troca de informações sobre temas tais como farmacovigilância, falta de medicamentos, novas medicações, eventos na área de farmácia oncológica, dúvidas técnicas dos processos de manipulação e legislação, entre outras muitas relacionadas regularmente, através de redes sociais e e-mails. Além disso são realizados encontros presenciais até quatro vezes ao ano. “Costumamos nos organizar para estarmos juntos nos eventos. No ano passado fomos em grupo para o congresso da SOBRAFO e este ano planejamos estar juntos em pelo menos um dos quatro seminários que a SOBRAFO realizará ao longo do ano”, comenta Elizangela.


4

RELATÓRIOS DE SEGURANÇA

Segurança do Paciente no Grupo IOV de 2016 HISTÓRICO DOS EVENTOS SENTINELA EVENTO SENTINELA POR PROCEDIMENTO - UNIDADES DE QUIMIOTERAPIA - 2016

0,10000 0,08000 0,06000 0,04000 0,02000 0,00000

0 jan/16

0 fev/16

0

0

0

mar/16

abr/16

mai/16

0

0

jun/16

jul/16

0,00157 0,00060 ago/16

set/16

0,00065 0,00172 out/16

nov/16

0

dez/16

EVENTO SENTINELA POR APLICAÇÃO - UNIDADES DE RADIOTERAPIA - 2016

0,10000 0,08000 0,06000 0,04000 0,02000 0,00000

0,00049 jan/16

0 fev/16

0

0

mar/16 abr/16

0 mai/16

0,00022

0

jun/16

jul/16

0,00038 0,00013 0,00037 0,00040 ago/16

set/16

0

out/16 nov/16 dez/16

Observamos nos gráficos que o índice de Eventos Sentinela está abaixo de 0.

TRABALHOS PADRONIZADOS – RESPONSÁVEIS EM PROMOVER A SEGURANÇA DO PACIENTE. QUIMIOTERAPIA

Revisão e treinamento do Protocolo de Prevenção de Quedas

RADIOTERAPIA

Implantação de Trabalho Padronizado para tratamento de Radioterapia


5

HISTÓRICO DE TRIGGERS GLOBAL TRIGGERS TOOL - IOV SJC

10,00 8,00 6,00 4,00 2,00 0,00

1,46 1,27 jan/16

2,76 1,86 0,00 0,00 fev/16

0,00 mar/16

0,00 abr/16

0,00

0,00

mai/16

jun/16

0,00 jul/16

0,00 ago/16

set/16

0,00 out/16

0,00 nov/16

Measure #2: Danos/1000 procedimentos

Measure #1: Danos/1000 atendimentos

Measure #1: Danos/1000 atendimentos

Measure #2: Danos/1000 procedimentos

Observamos nos gráficos que nosso índice de Triggers é abaixo da referência do IHI, que é de 5% para 1.000 atendimentos / procedimentos.

HISTÓRICO DE ALERTAS DE SEGURANÇA ALERTAS DE SEGURANÇA - UNIDADES DE QUIMIOTERAPIA

600 500

453

400 315

300

412

486

444

435

407

382

306

368

366 211

200 100 0

jan/16

fev/16

mar/16

abr/16

mai/16

jun/16

jul/16

ago/16

set/16

out/16

nov/16

dez/16

Observamos nos gráficos, o crescimento dos Alertas de Segurança, resultando em mais segurança na assistência.

ALERTAS DE SEGURANÇA - UNIDADES DE RADIOTERAPIA

80 70 60 50 40 30 20 10 0

76 67 55

54

57 48

45

jan/16

fev/16

37

mar/16

abr/16

mai/16

jun/16

jul/16

33

ago/16

set/16

33

out/16

31

nov/16

30

dez/16

Em fase de instituição da cultura dos alertas de segurança


6

EVENTO

Dia do Cuidador no Grupo IOV

O

acolhimento e o apoio ao cuidador podem fazer muita diferença durante o processo de enfrentamento da doença. Foi pensando nisso que o Grupo IOV realizou, no dia 17 de novembro, mais uma edição do Dia do Cuidador, voltada para familiares e acompanhantes dos pacientes em tratamento no IOV São José dos Campos e no CENON Major. No Dia do Cuidador, a Equipe Multiprofissional leva informações e dicas importantes, para que os participantes tenham mais tranquilidade e se sintam

seguros e motivados durante o processo do cuidado.

Os cuidadores aprendem a enfrentar a doença junto com o paciente” As palestras são diversificadas e são compostas por assistente social, psicóloga, nutricionista, fisioterapeuta, enfermeira e farmacêutica.“Essas apresentações deixam os cuidadores mais esclarecidos sobre como podem ajudar o paciente, além de se

manterem bem diante das dificuldades. Os cuidadores aprendem a enfrentar a doença junto com o paciente”, afirma a médica oncologista e coordenadora da Equipe Multiprofissional do IOV, Dra. Cristiane Dias Bittencourt. Nos intervalos das

Dia do

palestras os cuidadores também participaram de um café da tarde e de uma atividade de relaxamentoe meditação. O evento é gratuito e oferecido exclusivamente para os cuidadores e acompanhantes dos pacientes em atendimento no IOV São José dos Campos e no Cenon Major. Novas edições serão realizadas neste ano e as inscrições serão sempre gratuitas.

CUIDADOR

EQUIPE

Carinho e atenção com o paciente começa na portaria

O

trabalho humanizado da equipe de portaria do Instituto de Oncologia do Vale ajuda a fortalecer os valores que a instituição segue e promove. A atividade no setor exige muita paciência e atenção, por lidar com um público diversificado e constante. Os porteiros desempenham inúmeras funções, com o objetivo de melhorar, na medida do possível, a qualidade de vida dos pacientes e acompanhantes enquanto estiverem em uma das unidades do Grupo IOV. Auxiliam os motoristas a estacionarem seus carros nas vagas disponíveis, ajudam pacientes frágeis a descer e entrar em seus veículos, oferecem cadeira de rodas quando necessário e recebem periodicamente

um treinamento sobre o protocolo de queda. Para Melissa Freitas, responsável pelo Setor de Portaria do Cenon e IOV São José dos Campos “a portaria é o local onde o paciente, muitas vezes fragilizado física e emocionalmente, tem o primeiro contato com a instituição. Por esse motivo, os porteiros estão sempre prontos para receber pacientes e acompanhantes com muito carinho e respeito”. A equipe de colaboradores da portaria das unidades de São José dos Campos é formada atualmente por quatro excelentes profissionais: Cláudio Alexandre da Silva, Nemésio P. dos Santos Filho, Raphael Francisco Filho e Sidnei Alexandre. Toda essa dedicação dos porteiros já rendeu

diversas histórias de agradecimento por parte dos pacientes. Uma delas, é a amizade formada entre o colaborador Cláudio e um paciente morador de Caraguatatuba. “Sempre o tratei com educação e gentileza. Entre uma conversa e outra, ele ficou sabendo da minha paixão pelo time do Corinthians e, certo dia, resolveu me presentear com uma camisa do time”, explica Cláudio, que ficou muito

emocionado, pois não esperava tal demonstração de carinho. O momento foi também registrado em foto pelo paciente, que fez questão de guardar de lembrança esse registro com o colaborador. “Acredito que minha alegria ao receber os pacientes, acaba surpreendendo e aliviando um pouco mais a tensão que eles estão sentindo em relação ao tratamento e à doença”, finaliza Cláudio.

Raphael e Nemésio

Sidnei e Cláudio


7

PREVENÇÃO

Dia Nacional de Combate ao Câncer

Q

uem visitou o Parque Vicentina Aranha na manhã do dia 27 de novembro, Dia Nacional de Combate ao Câncer, se deparou com uma ação promovida pelo Instituto de Oncologia do Vale para estimular os hábitos saudáveis e a prevenção do câncer. Para participar do evento, que teve como tema “Protejase no Vicentina”,os visitantes

do Parque precisavam retirar um mapa em uma das 4 estações de prevenção do IOV (atividades físicas, bemestar emocional, atividades culturais e nutrição) e visitar cada umas delas. Em cada estação, o participante recebia informações sobre vida saudável, tirava dúvidas com especialistas e retirava um selo, para que pudesse colar no mapa. Ao completar o mapa da proteção com 4

selos, o participante o trocava por uma linda camiseta da ação. Foram disponibilizadas 300 camisetas nesse evento. As estações foram instaladas próximas às atrações do Parque,com objetivo de promover a participação de todos, em tudo o que o local disponibiliza para a saúde e bem-estar das pessoas. “A orientação e a adoção de um estilo de vida saudável ainda são as

maiores e mais importantes armas contra a doença, uma vez que boa parte dos casos poderiam ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis como abandonar o fumo, alimentação balanceada, prática de atividades físicas, ocupar a cabeça com atividades culturais e checkups periódicos”, afirma o médico oncologista do IOV, Dr. Henrique Zanoni Fernandes.

Novembro Azul no Grupo IOV

A

Campanha Novembro Azul, que aborda o combate ao câncer de próstata e a conscientização da importância dos exames regulares para o diagnóstico

precoce, é mais uma aliada no combate à doença. Como forma de apoio à campanha, durante todo o mês de novembro, as fachadas do IOV Taubaté, IOV São José dos Campos

e do Cenon Major ficaram iluminadas com a cor azul. Os colaboradores literalmente vestiram a camisa azul, para também promoverem a conscientização. “Tivemos a participação de muitos

colaboradores de diversos setores. O objetivo foi chamar a atenção das pessoas sobre a importância da prevenção do câncer de próstata”, afirma o coordenador de comunicação e marketing, Fabiano Gaspar.


8

EDUCAÇÃO CONTINUADA

Profissional do IOV contribui com conteúdo para a revista da Sociedade Brasileira de Farmacêuticos em Oncologia (SOBRAFO)

Q

uando o tratamento se encerra ou há alguma mudança na medicação, sempre resta aquela embalagem com algum medicamento que acaba ficando guardada ou até mesmo esquecida em casa. Resultado, o remédio acaba atingindo o prazo de validade e, geralmente, as pessoas não sabem como descartá-lo, pois ele não pode ser descartado no lixo no comum, por se tratar de um tipo de resíduo químico, que pode contaminar o solo, a água e até colocar em risco a vida de pessoas que manuseiam os resíduos em aterros sanitários.

Devido à importância desse tema, ele foi escolhido como uma das pautas da edição setembro/outubro da Revista da SOBRAFO (Sociedade Brasileira de Farmacêuticos em Oncologia), publicação que visa contribuir com a partilha de conhecimento entre farmacêuticos. O texto redigido pela responsável técnica da farmácia do IOV, Elizangela Eugênio, que é integrante da comissão de educação da SOBRAFO, abordou os riscos do descarte incorreto e os procedimentos corretos para dar destinação aos medicamentos vencidos que

devem ser incinerados. O descarte correto de medicamentos vem ganhando relevância no meio dos profissionais de oncologia, pois houve um crescimento muito grande no número de pacientes com câncer que fazem o uso de medicação oral. “No IOV, por exemplo, no final de 2015, 60 pacientes faziam uso de quimioterápicos orais, hoje já são 260”, destaca Elizangela. O texto redigido para a publicação se baseou na revisão da literatura existente sobre o assunto e também na experiência que responsável técnica

da farmácia vivencia no IOV, pois, como parte da assistência farmacêutica, o Instituto realiza um trabalho informativo com os pacientes, oferecendo orientação sobre o descarte correto dos medicamentos.

QUALIDADE DE VIDA

IOV patrocina Piquenique Sinfônico no Parque Vicentina Aranha

A

poiador do Parque Vicentina Aranha há quatro anos, o IOV não podia ficar de fora do tradicional Piquenique Sinfônico que celebrou o final do ano. O espetáculo, que aconteceu no dia 18 de dezembro, trouxe a obra mundialmente famosa Carmina Burana e contou com a presença de milhares de pessoas. Para a realização da peça, a Orquestra Sinfônica de São José dos Campos contou com a participação dos solistas Carla Domingues (soprano), Jabez Lima (tenor) e Vinicius Atique (barítono), do Coro Jovem Joseense, assim como dos coros infantis e do Coral

da Secretaria Municipal de Educação e das Meninas Cantoras de Campos do Jordão, somando cerca de 160 pessoas em cena. O nome da cantata originou-se da publicação em 1847 de uma coleção de 254 poemas e textos dramáticos que estavam em manuscritos dos séculos XI e XII, encontrados em um velho mosteiro chamado Benediktbeuren, na Alemanha. Já em 1937 o compositor alemão Carl Orff (1895-1982) musicou alguns dos poemas e textos dramáticos pertencentes a essa coleção de peças (códex) e montou uma cantata homônima, hoje

mundialmente famosa. O coordenador de comunicação e marketing do IOV, Fabiano Gaspar, ressalta a importância do apoio a esse tipo de iniciativa. “Atrações culturais também ajudam a

promover qualidade de vida, principalmente se tratando de saúde emocional. Ocupar o tempo e a mente com coisas boas, ajuda as pessoas a viverem uma vida mais saudável”, afirma Fabiano Gaspar.

IOV&VOCÊ Edição 61  

Informativo do Grupo IOV

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you