__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1


|2


IMARGEM 35 ANOS (1982-2017)

IMARGEM-ASSOCIAÇÃO DE ARTISTAS PLÁSTICOS DO CONCELHO DE ALMADA

|3


FICHA TÉCNICA Edição: IMARGEM-Associação de Artistas Plásticos do Concelho e Almada Título: Imargem 35 Anos Organização: IMARGEM-Associação de Artistas Plásticos do Concelho e Almada Capa: Carlos Morais Coordenação e Concepção Gráfica: Carlos Morais, Francisco Palma e Louro Artur Tiragem: 500 Exemplares Impressão: Tipografia Lobão, Lda Depósito Legal: 1ª Edição: Junho de 2017

|4


NOTA DE ABERTURA No texto que Louro Artur escreveu em 2002, transcreveu uma citação de Raul Esteves, que também agora parece continuar a estar actual: “uma associação por mais bela história que possua, não pode viver apenas presa à tradição” e nem “extasiada a contemplar os seus anais, onde estão registados os grandes acontecimentos em que tomou parte (…) deve dentro dela(s) produzir-se uma forte reacção que, sacudindo-lhe todo o organismo, as chame à realidade, fazendo-lhes criar energias novas, fontes de seiva na vida que tende a fugir-lhes”, acrescentando Louro Artur que o nosso sucesso como associação, esteve sempre relacionado com “o envolvimento dinâmico do seu interior”. Passados quinze anos e olhando para os artistas que participaram no livro em 2002, reparamos que apenas 13 sócios produtores da Imargem continuam activos, muitos saíram e também muitos outros artistas chegaram até nós, no entanto o mais importante foi que a Imargem manteve, durante todos estes anos, uma actividade regular com o apoio inequívoco das autarquias locais. Em alguns períodos a associação esteve mais envolvida em organizar exposições e eventos ou na gestão das actividades no seu espaço de galeria e sede, noutros proporcionando momentos de reflexão à volta das práticas artísticas ou ainda criando condições para uma maior oferta nas actividades de formação e contacto de proximidade com a população de Almada, continuando assim até agora, envolvendo-se activamente nestes três eixos da actividade artística: a visibilidade, a reflexão e a criação. Contribuir para dar uma maior visibilidade aos artistas locais tem sido um dos principais pilares da actividade das associações de artistas plásticos, organizando muitas das exposições colectivas que aconteceram desde os anos 80 do século XX pelo nosso país, constituindo-se, na altura, como alternativa às dinâmicas de mercado e actividade artística dos grandes |5


centros de cultura, preenchendo também uma lacuna de programação nas artes existente nas regiões mais periféricas ou de interior do país. Como a Imargem, também outras associações acabaram por dar uma imprescindível contribuição para um maior reconhecimento acerca da importância das artes plásticas como estímulo para um pensamento critico e consequentemente para o enriquecimento do património e identidade cultural das localidades onde se formaram. Desde a década de 90 do século XX que, no campo das artes, vieram a impor-se novas dinâmicas que alteraram não só a atitude do artista em relação à comunicação que estabelece com o público, como se têm vindo a criar diferentes estratégias de programação, de emancipação, de pluralidade, de participação e de comunicação das artes em geral, propondo-se que a obra de arte, para além de ser essencialmente uma experiência estética cada vez mais subtil, refinada e acutilante1, possa também contribuir para a problematização da experiência artística e do quotidiano e criar momentos de sociabilidade. Reconhecendo que esta viragem abre novas possibilidades de afirmação das artes plásticas, podemos também acreditar que a «relação» entre o artista e o público poderá ser configurado, para além do controlo da técnica ou da propriedade. Para que tal venha a acontecer, o artista, e principalmente os que estão vinculados a uma associação de artistas, não poderão continuar a ter como única expectativa dessa relação, a possibilidade de dar visibilidade ao seu trabalho criativo numa regular exibição espectacular, muitas vezes realizados apenas nos locais de maior legitimação artística local, sendo antes necessário que se criem mais parcerias entre diversos projectos, de diversos locais, e se estimulem novos espaços com dinâmicas diferentes e novas oportunidades de encontros e de trocas de opiniões, ou seja, que se caminhe para a criação de um pensamento critico ou estético acerca da arte que se vai fazendo. É pois necessário, que o envolvimento de todos os agentes culturais e artísticos que, de uma forma ou de outra, intervêm no campo das artes seja cada vez maior e mais transformador, incluindo o dos artistas, e não 1

PERNIOLA, Mário, A arte e a sua sombra (2005), Lisboa, Assírio Alvim, (2006: 10)

|6


basta para tal associarem-se a um grupo, associação ou tendência, pagarem a sua quota anual ou participarem em uma ou duas exposições por ano. Para que a Imargem possa também contribuir para o desenvolvimento de um pensamento crítico é necessário, além de continuar a organizar diversas exposições colectivas de artistas da Imargem em diferentes espaços, dentro e fora do nosso concelho, reforçar ainda mais a sua intervenção nas áreas de criação e formação, incentivar à abertura de novos projectos e espaços de criação individuais ou colectivos, continuar a organizar encontros de reflexão sobre arte, a todos os níveis, e a propor a criação de mais prémios ou residências artísticas na cidade de Almada.

Presidente da Direcção da Imargem Francisco Palma

|7


|8


OS 35 ANOS DA IMARGEM Num olhar temporal desta Associação de Artistas Plásticos de Almada, nascida em 1982, emerge um sentido de intervenção local, regional e nacional, comum a mais de uma centena de Associações existentes actualmente neste país. Este fenómeno artístico, pouco analisado por historiadores de arte e pouco divulgado pelos média, recebe apoio das autarquias, dos membros associados, dos cursos artísticos que desenvolvem e das comunidades que as acompanham nos seus eventos. Estes méritos encontrados num espírito de grupo voluntarista, não esquecem os impulsos artísticos ou a falta destes, que se vão manifestando no país ou fora deste. Atentos aos fenómenos artísticos do seu tempo, edificam e exaltam o poder criativo dos seus membros. É neste contexto, que se torna difícil perceber a falta de visão do Ministério da Cultura, em não promover eventos nacionais de Artes Plásticas, não só com a associação de galerias, mas também, com o universo nacional de associações de artistas plásticos portuguesas. Esta reflexão faz-me recordar as palavras do historiador de arte Paulo Pereira, no texto da «História Arte Portuguesa», «No momento em que estas linhas são escritas (finais de 2005) a história da arte em Portugal entrou num período de letargia. O juízo pode ser contestado, mas a contratacção editorial, a inexistência de revistas especializadas ou de grande circulação, o abrandamento, por razões aparentemente orçamentais, da realização de exposições de grande fôlego ditam um ambiente académico avesso à renovação metodológica. Tudo isto cria descontinuidade, precisamente numa altura em que licenciados nesta área disciplinar atingem a profissionalização. É certo que as Autarquias foram ganhando protagonismo e substintuindo-se por vezes, às instituições centrais. Estas, após período de algum fulgor e de recentramento entre 1995 e 2001 parecem ter declinado algumas das |9


suas competências. Mas o estado de escassa difusão e de internacionalização da história da arte portuguesa (associada à fraca utilização de novos média) parece dar razão a quem volta a reconhecer um atraso que parece ser uma fatalidade congénita». Os avanços tecnológicos, o aparecimento de novos materiais e a falta de estudos sobre a intervenção Autárquica nos domínios das Artes Plásticas, marcam o espaço temporal entre 2005 e 2017. Espaço esse reconvertido, por um sentido de espectáculo em todo o desígnio cultural. O olhar o mundo através do chamado Espírito do Lugar, reserva a esta Associação de Artistas Plásticos, um papel relevante na comunidade onde está inserida. A sua continuidade, objecto de muitos esforços, ganha espaços pela entrada de novos artistas, e projectos e programas anuais, que apresenta à sociedade. A marca Imargem, expressa nas suas finalidades, procurará envolver maior informação, com maior comunicação, como esta monografia artística que agora trazemos a público, apoiada pelas Juntas de Freguesia e Câmara Municipal de Almada. Presidente da Assembleia Geral da Imargem Prof/Pintor Louro Artur

|10


CURRICULUM DA IMARGEM A Associação de Artistas Plásticos do Concelho de Almada – IMARGEM, foi criada em Diário da República em 8 de Julho de 1982, é uma Instituição de Utilidade Pública desde 28 de Maio de 1997 e sócia da Federação das Colectividades de Cultura e Recreio a partir de 17 de Março de 1996. Em 2007 foi-lhe atribuída a Medalha de Prata pela Câmara Municipal de Almada. Durante estes 35 anos tem desenvolvido uma actividade importante na área das Artes Visuais a nível local, regional e nacional.

|11


|12


2ª Exposição Anual na Oficina de Cultura de Almada. Participação numa exposição sobre o Património Local, organizada por estagiários da Escola António da Costa. Colaboração com a Câmara Municipal na iniciação de um Mural dedicado à memória de Fernão Mendes Pinto no Pragal.

1982 Fundação da IMARGEMAssociação de Artistas Plásticos do Concelho de Almada. Sócios fundadores: Ângela Luzia, Francisco Bronze, Jorge Pé Curto, Pedro de Sousa, Louro Artur, José Zagallo, Carlos Canhão, Lurdes Sério, e Victor Ferreira. 1ª Exposição Anual de Artes Plásticas na Oficina de Cultura em Almada.

1984 Exposição na Galeria Gesto Arte / Galeria Municipal de Arte em Évora. Exposição na Antiga Capela da Misericórdia de Silves, integrada no Festival Anual da Cerveja. Exposição no Museu Municipal de Setúbal.

Exposição da Comemoração do 25 de Abril na Oficina de Cultura de Almada. Colaboração com a Câmara Municipal de Almada em exposições de carácter informativo. A IMARGEM intervém num projecto

1983 |13


urbanístico do Concelho, o projecto para o monumento ao pescador, a erguer na Costa de Caparica, integrado no júri um seu representante, o pintor Louro Artur. Exposição Pequeno Formato na Galeria Incrível Almadense. Exposição Anual IMARGEM 84 na Oficina de Cultura de Almada.

Exposição Anual IMARGEM 85 na Oficina de Cultura de Almada. Inauguração do Mural dedicado à memória de Fernão Mendes Pinto no Pragal – Projecto de Imargem – Escultura de Jorge Pé-Curto e Pintura de Francisco Bronze, com o apoio da Câmara Municipal de Almada.

1986 Exposição da IMARGEM, ARTEVER e VIRAGEM, Portugal em Abril, na Oficina de Cultura de Almada. Exposição no Museu de Sintra. Exposição de Pequeno Formato no Centro Comercial Pão de Açúcar na Cova de Piedade. Exposição Anual IMARGEM 86 na Oficina de Cultura de Almada.

1985 Exposição na inauguração do Shopping Center das Amoreiras, Lisboa . Colabora com a Câmara Municipal de Almada e Assembleia Municipal de Almada na organização e participa na 1ª Mostra de Artes Plásticas do Distrito de Setúbal na Oficina de Cultura. Exposição Portugal em Abril 85 no Palácio da Cidadela em Cascais em cooperação com a Associação de Artes Plásticas de Cascais. Exposição na Casa da Cultura das Caldas da Rainha.

1987 Integrado no Programa de Intervenção Local expôs nas escolas secundárias do Monte da Caparica, Almada e Amora. |14


Edição de 3 serigrafias de sócios. Exposição Colectiva IMARGEM, VIRAGEM, e ARTEVER, Portugal em Abril na Galeria Municipal da Amadora. Exposição Anual IMARGEM 87 na Galeria Artifício, Lisboa.

1988 Exposição Colectiva na Galeria Fonte Nova em Lisboa. Exposição de Homenagem a Columbano Bordalo Pinheiro, na Galeria Almadarte na Costa de Caparica. Exposição Colectiva da IMARGEM, VIRAGEM, ARTEVER em Cascais. Exposição Colectiva no Ginásio Clube do Sul em Cacilhas. Exposição na Feira do Livro em Almada. Exposição Imargem Caparica 88 no Convento dos Capuchos. Almada Exposição no Museu Tavares Proença Júnior em Castelo Branco. Presença na Feira das Indústrias da Cultura (FIL) em Lisboa. Exposição Imargem-Ilustração 88 na Feira do Livro em Almada.

Exposição Anual IMARGEM 88 na Galeria Municipal de Almada, artista convidado: Manuel Cargaleiro. 1989 Mostra Colectiva Portugal em Abril, na Galeria Municipal de Almada. Exposição Colectiva de Artes Visuais “Inauguração das instalações da Escola Superior de Tecnologia”, Instituto Politécnico de Setúbal. Exposição Anual IMARGEM 89 na Galeria Municipal de Almada. 1990 Mostra Colectiva na Galeria Municipal da Amadora. Exposição IMARGEM Capuchos 90 no Convento dos Capuchos, Artistas convidados: António Sem e Adão Rodrigues. Exposição na Galeria de Arte do Páteo Alfacinha, Lisboa. |15


Exposição Anual IMARGEM 90 na Galeria Municipal de Almada, artistas convidados: pintores Fernando de Azevedo, Lima de Freitas e Graça Arima (tapeçaria).

da IMARGEM” na Biblioteca Pública de Almada e na Junta de Turismo da Costa de Caparica. Portugal em Abril (interassociações) no Seixal. Exposição Colectiva no Ginásio Clube do Sul em Cacilhas. Exposição Anual IMARGEM 92- 10 Anos na Galeria Municipal de Almada, homenagem ao Pintor Henrique Pinto (1835-1912), artistas convidados: Pintores Maria Gabriel e José Augusto. 1993 Inicio da instalação da Sede da Associação. Participação na 1ª Feira de Arte de Almada na Oficina de Cultura. Exposição Anual IMARGEM 93 na Galeria Municipal de Almada. Artistas convidados: Escultor Virgílio Domingues e Pintor Francisco Relógio.

1991 Exposição Colectiva na Galeria Irene em Lisboa. Exposição Colectiva em Loures. Exposição Colectiva Galeria 190, Lisboa. Exposição Anual IMARGEM 91 na Galeria Municipal de Almada, homenagem aos artistas: Pintor Fred Kradolfer (1903-1968) e a Pintora Raija Korhonen (19461986), artistas convidados: Pintor Rogério Ribeiro e Escultor Arberto Gordillo.

1994 Exposição Colectiva Pluralidade, no Convento dos Capuchos. Artista convidado: Pintor António Carmo. Exposição Colectiva no Hotel da Costa de Caparica (integrada nas Comemorações do 12º Aniversário da Imargem). Exposição Anual IMARGEM 94 na Galeria Municipal de Almada.

1992 Exposição Antológica “10 Anos |16


Homenagem ao Pintor Pedro de Sousa (1950-1994). Artista convidado: Escultor Lagoa Henrique. Exposição Colectiva no Museu de Aveiro.

1997 Exposição Colectiva “Ver de Fazer”, alunos das escolas António Gedeão e Anselmo de Andrade na Oficina de Cultura de Almada.

1995 Exposição Colectiva Pluralidades na Oficina de Cultura de Almada. Exposição de Cerâmica de Ilda Bragança no Espaço Sede. Exposição Anual IMARGEM 95 na Galeria Municipal de Almada. Galeria Convidada: Almadarte (obras de Domingues Sequeira, Artur Bual, Cândido Portinari, Cruzeiro Seixas, Francisco Relógio, Gâmboa, João Hogan, Júlio Pomar, Cargaleiro, Mário Cesariny e Vieira da Silva).

Exposição Colectiva na Câmara Municipal da Amadora. Espaço Sede: Colectiva Pequeno Formato; Exposição “Arquitectura” - Núcleo Jovem da Imargem; Exposição Individual Louro Artur; Curso de Nú Artístico pelo Prof. Louro Artur. Exposição do Acervo da Misericórdia de Almada no Espaço Sede. Exposição Anual IMARGEM 97, Galeria Municipal de Almada, Homenagem às Pinturas Quinhentistas e Barrocas do Santuário do Cabo Espichel.

1996 Exposição Colectiva Pluralidades na Oficina de Cultura de Almada, homenagem ao Arquitecto Castro Lobo (Imargem e Rotary Clube de Almada). Exposição Colectiva de inauguração do Espaço-Sede da IMARGEM. Exposição “A Arte e a Matemática-Profmat” no EspaçoSede. Exposição Anual IMARGEM 96 na Galeria Municipal de Almada. Artista homenageado: Rogério Amaral.

1998 Protocolo de Cooperação entre a Câmara Municipal de Almada e a Imargem. Espaço–Sede: 2º Curso de Nú Artistico pelo Prof. Louro Artur; Exposição Colectiva “A Imargem em Pequeno Formato”;

|17


1999

Espaço-sede, “Ver de Fazer 3”, com trabalhos dos alunos da Escola Secundária Anselmo de Andrade. Espaço–Sede: Exposição “Design Ano Zero” ; Exposição Pintura “Edda Expressões” de Edda Machado; Exposição de Fotografia “Havana” de Luís Barreira; Exposição “Nas Margens do Teatro”; Exposição do Curso de Banda Desenhada da Imargem, monitor António Valjean. Exposição “Imargem-na-outraMargem”, Espaço Cultural Carris, Lisboa. Exposição Anual IMARGEM 1999 na Galeria Municipal de Almada, Artista: Fernanda Guerreiro.

Colóquio Debate “O Associativismo e as Artes Plásticas”; Exposição Pintura “Traços, Formas e Tons”- Núcleo Jovem da Imargem;

Exposição Colectiva “Ver de Fazer Outra Vez” com alunos da Escola Anselmo de Andrade. Exposição Colectiva “Quando for Grande Quero Ser Criança”Núcleo Jovem da Imargem, Oficina de Cultura de Almada. Exposição Colectiva “A Imargem no Festival de Teatro de Almada”. Exposição Colectiva “Ver para Crer” no Solar dos Zagallos. Exposição Anual IMARGEM 98 com Colóquio-Debate com Ernesto Fernandes, Francisco Bronze, João Queiroz, Luís Miranda e Alberto Oliveira.

2000 Exposição Aniversário |18

Colectiva 5º da Associação


Amigos da Cidade de Almada, na Oficina de Cultura, com Colóquio pelo Arq. Filipe Dinis, o escritor Modesto Navarro e o associado Luís Miranda. Curso de Banda Desenhada, no Espaço - Sede por António Valjean. Exposição de Fotografias no Espaço-Sede. Ciclo de Colóquios, organizados pela Imargem e E. S. Anselmo de Andrade no Espaço-sede com as apresentações de Luis Miranda "A morte da arte no tempo da sua afirmação; o projecto neoplástico", António Lopes “Novalis e a essência do romantismo”, Victor Ferreira "A influência das filosofias orientais na arte ocidental" e de José Luis Gageiro "Os libertinos e a libertinagem - a propósito de «As Ligações Perigosas» de Choderlos de Laclos”. Participação de Aurora Bargado e Luís Miranda na Semana das Artes da Escola Secundária Fernão Mendes Pinto. Espaço Sede, “Ver Fazer 4”, com trabalhos dos alunos da Escola Secundária Anselmo de Andrade. A Imargem esteve presente no Festival de Teatro de Almada, com a instalação “A Distância maior por Portas do Silêncio” na Escola António da Costa. Espaço-Sede: Exposição de Trabalhos dos alunos do Curso de Iniciação à Banda Desenhada; Exposição colectiva de fotografia Macropolis; Exposição de Fotografias de Nuno Pinheiro. Exposição Anual

IMARGEM 2000, na Galeria Municipal de Almada, artista homenageado: Pintor Frederico Mendes.

2001 Exposição Anual IMARGEM 2001 na Galeria Municipal de Almada, entidade convidada: Sociedade Nacional de Belas Artes de Lisboa Artista homenageado: José de Azevedo. Exposição Colectiva Imargem Pluralidades 2001, Oficina de Cultura de Almada. Exposição Imargem no Museu do Trabalho Michel Giacometti e Casa do Corpo Santo/Museu Barroco, Setúbal. Espaço - Sede: Exposição de fotografia “Pragal” Projecto ImaginArte Almada - Bienal; Pintura de Jorge Norvick e Victor Ferreira e Arquitectura de João Raposo e José Amaro. Recolha de elementos para livro IMARGEM 20 Anos. Exposição Colectiva no Espaço - Sede. 2002 Exposição Colectiva Imargem Pluralidades 2002, Oficina de Cultura de Almada. Exposição Anual IMARGEM 2002, Galeria |19


Municipal de Almada, Artistas Homenageados, Ângela Luzia, Carlos Canhão, Francisco Bronze, Jorge Pé – Curto, José Zagallo, Lourdes Sério, Louro Artur, Pedro de Sousa, Victor Ferreira. Lançamento do livro “Imargem 20 anos de actividades artísticas”.

Imargem Pluralidades 2003, Oficina de Cultura. Exposição – Galeria Quadrante no espaço geográfico de Odivelas.

Exposição de Pintura com Ana David, Kapwka, Roby Ataíde, Rolo Martinse Susana Leonor, no Espaço – Sede. 2004 Exposição Anual IMARGEM 2004 na Galeria Municipal de Almada. Exposição Colectiva Imargem, Pluralidades 2004, Oficina de Cultura de Almada. Exposição Colectiva Espaço – Sede dos Alunos Finalistas do Curso de Professores de EVT da Escola Superior de Setúbal Comemoração do Centenário do Pintor Salvador Dali. Exposição Colectiva Imargem – Exposição Itinerante de Pequeno Formato na Galeria D`arte – Ministério da Justiça. Exposição 30 Anos de Cultura, Fórum Romeu Correia 2004.

Exposição em Loures – Galeria Quadrante (inter-associações). Exposição no Centro Cultural da Nazaré Imargem. Exposição de Aurora Bargado e Ilda Bragança. Imargem Galeria, Exposição da Associação de Artistas Plásticos de Loures (Quadrante). Imargem Galeria, Homenagem ao Mestre Fotógrafo Júlio Pereira Dinis “Imagens de Almada e seu termo”. 2003 Exposição Anual IMARGEM 2003, Galeria Municipal de Almada, homenageado o Arquitecto Siza Vieira. Exposição Colectiva |20


Cacela. Imargem Galeria, Exposição de Rolo Martins. Imargem Galeria, Exposição de Fernanda Guerreiro. Imargem Galeria, Exposição de Maria Dâmaso. Imargem Galeria, Exposição de Ana David e Ana Antunes. Imargem Galeria, Exposição Colectiva de Artistas da Galiza. 2006 Galeria Municipal de Almada, Exposição Anual IMARGEM 2006, homenagem a Rogério Amaral. Imargem Galeria. Exposição de Roby Atayde. Imargem Galeria, Exposição de Bruno Paiva. Imargem Galeria, Exposição de Fernanda Guerreiro e Núcleo de Serigrafia da Escola Secundária Fernão Mendes Pinto. Anadia, Imargem 2006. Imargem Galeria, Acervo I IMARGEM. Imargem Galeria, Maria Dâmaso e Companhia.

2005 Galeria Municipal de Almada, Exposição Anual IMARGEM 2005, artista convidado Hermes Dell´Icio.

2007 Galeria Municipal de Almada, Exposição Anual IMARGEM 2007, homenagem a Rogério Ribeiro. Oficina da Cultura, Exposição Colectiva Imargem, Pluralidades 2007. Imargem Galeria, Exposição de Maria Dâmaso e alunas. Imargem Galeria, Exposição de Duarte Guerreiro. Imargem Galeria, Exposição de Edda Machado. Imargem Galeria, Exposição de Pequeno Formato 25º Aniversário Imargem. Exposição Colectiva

Oficina de Cultura, Exposição Colectiva Imargem Pluralidades 2005. Imargem Galeria, Exposição de Mário Silva. Imargem Galeria, Exposição Colectiva Imargem – 28 Artistas Contemporâneos. Imargem Galeria, Instalação “Túnel” de Rodrigo Miragaia. Imargem Galeria, Exposição de Serigrafias dos alunos do Ensino Nocturno do Curso Técnico de Artes e Ofícios da Escola Secundária Fernão Mendes Pinto. Imargem Galeria, Exposição de Fernando |21


Imargem Sesimbra 2007, Espaço Atlântico, Sesimbra. Imargem Galeria, Exposição de Fernanda Guerreiro. Imargem Galeria, Exposição de Luís Aniceto. Medalha de Prata atribuída pela Câmara Municipal de Almada.

Cultura, Exposição Coletiva Imargem Pluralidades 2009. Imargem Galeria, Exposição “Quando eu era pequenino...”, Núcleo de Serigrafia da Escola Secundária Fernão Mendes Pinto. Imargem Galeria, Acervo II. Imargem Galeria, Exposição Lembrar a Terra de Fátima Ramos e Margarida Cortez. Imargem Galeria, Oficina D´Artes 09. 2010 Galeria Municipal de Arte de Almada, Exposição Anual IMARGEM 10, homenagem a Joshua Benoliel. Oficina de Cultura, Exposição Coletiva Imargem, Pluralidades 2010. Imargem Galeria, Fernão Artes, alunos Escola Secundária Fernão Mendes Pinto. Barreiro Cooperativa Cultural Popular Barreirense, Imargem no Barreiro. Imargem Galeria, Acervo III.

2008 Galeria Municipal de Arte de Almada, Exposição Anual IMARGEM 08, obras colecção Municipio de Almada (José Azevedo, José Zagallo, Luis Ralha e Mily Posoz). Oficina de Cultura, Exposição Coletiva Imargem, Pluralidades 2008. Imargem Galeria, Arquitetura Industrial - Fotografia de João Soeiro. Imargem Galeria, Exposição Encantamentos de Elsa Oliveira. Imargem Galeria, Exposição Coletiva Fernão Mendes Pinto. Imargem Galeria, Exposição de Teresa Matos.

2011 Galeria Municipal de Arte de Almada, Exposição Anual IMARGEM 11, homenagem a Bulhão Pato. Oficina de Cultura,

2009 Galeria Municipal de Arte de Almada, Exposição Coletiva IMARGEM 09, homenagem a Carlos Laranjeira. Oficina de |22


Exposição Coletiva Imargem, Pluralidades 2011. Solar dos Zagallos, ASSOCIAARTES – I Exposição Associações de Arte Plásticas do Distrito de Setúbal.

Caparica, Exposição Coletiva Imargem Inaugural de Pequeno Formato. Imargem Galeria, Exposição Love Trees de Zito Colaço. Imargem Galeria, Exposição FERNÃO ARTES.

Feira Internacional de Arte FIARTE, Coimbra. Imargem Galeria, Exposição Internacional GLASSARTE - VICARTE. Imargem Galeria, Exposição expo Artesfera´11. Imargem Galeria, Fernão Artes, alunos Escola Secundária Fernão Mendes Pinto. Imargem Galeria, Cidades de Vidro de Tiago Mourão da Silva. Imargem Galeria, Coisa Simples de Carlos Morais. Imargem Galeria, Imagens Gravadas - Exposição de Serigrafia e Gravura. Imargem Galeria, Exposição de Desenho Francisco Chinita e Patrik Caetano.

Imargem Galeria, Exposição “Suvyavasthaa kaa madir” de Daria Krasilnikova. Imargem Galeria, VITRUM - ARTE EM VIDRO - VICARTE.

Curso de Serigrafia Artística orientada por Maria Aurora Bargado na Casa da Juventude de StºAmaro, Laranjeiro. Imargem Galeria, Exposição “Na Terra Potiguar” de Edda Machado. Imargem Galeria, Exposição do Curso de Serigrafia Artística orientada por Maria Aurora Bargado. Imargem

2012 Galeria Municipal de Arte de Almada, Exposição Anual IMARGEM 12, homenagem aos arquitectos João Raposo e José Amaro. Oficina de Cultura, Exposição Coletiva Imargem Pluralidades 2012. Galeria Municipal de Arte - Costa de |23


Galeria, Trienal de Desenho DESENHA`12- Desenho Carlos Aníbal Matos. Imargem Galeria, Trienal de Desenho DESENHA`12 - Desenho Mafalda D`Eça. Imargem Galeria, Trienal de Desenho DESENHA`12 - Imargem 30 Anos Desenho.

Galeria, Miscellanious de Ana Pereira. Imargem Galeria, Imargem - Acervo IV.

2013 Galeria Municipal de Arte de Almada, Exposição Anual IMARGEM 13, homenagem a Álvaro Cunhal. Oficina de Cultura, Exposição Coletiva Imargem, Pluralidades 2013. Solar dos Zagallos, ASSOCIAARTES 2013 - II Bienal Associações de Artes Plásticas do Distrito de Setúbal. Centro Cultural de Lagos, Exposição Coletiva Imargem Lagos 2013.

2014 Galeria Municipal de Arte de Almada, Exposição Anual IMARGEM 14, homenagem a António Paixão. Oficina de Cultura, Exposição Coletiva Imargem, Pluralidades 2014. Exposição de Poesia Ilustrada baseada na Obra de Sebastião da Gama, Museu Sebastião da Gama, Vila Nogueira de Azeitão. Galeria Municipal Artur Bual – Amadora, “Exposição de Artes Visuais em Abril”. Loures, Exposição “Associativismo e Democracia”. Por proposta da Câmara Municipal de Almada foi realizada a Serigrafia Comemorativa dos 40 anos do 25 de Abril de autoria de Maria Bargado. Imargem Galeria, Exposição/ Intervenção em

Imargem Galeria, FernãoArtes. Imargem Galeria, Exposição Internacional VICARTE. Imargem |24


Oficina de Cultura, Exposição Coletiva Imargem, Pluralidades 2015. Almada, ARTE EM FESTA 2015 (Organização Imargem, colaboração e participação de AACA, Artesfera, CACAV, SCALA, O FAROL e Vicarte) com Exposições, Workshops e Ateliês no Espaço-Sede Imargem: Desenho de Modelo com Maria Bargado, Desenho e Pintura com Francisco Palma e D´Souza, Forno de Papel com José António Silva, Esponjadelik com Paulo Reisenberger, Xilogravura com Conceição Freitas, Monotípica e Tapeçaria com Fernanda Guerreiro; Palestras: “Olhando a VICARTE dentro do Studio Glass Art Movement” com Robert Wiley, “Fotografia” com Nuno Pinheiro, “Niki de Saint Phalle, a obra de uma vida” com Anabela Mendes, “Contaminação na arte” com Francisco Palma, “Código Iknie” com José Tavares, “Arte e Comunidade Experiências pedagógicas” com Teresa Matos Pereira, “A entrevista consciente” com José Neto, “Do pó ao pó- Arte e Ciência” com Fernanda Guerreiro, “Arte em Almada - Três comentários” com Francisco Bronze, Jorge Norvick e Louro Artur e “Street Art: Rostos na Cidade” com Joana Matos; Performance e Vídeo no Espaço-Sede Imargem: “Mostra do Filme Solidário” com Raquel Martins e Ricardo Nogueira, Vídeo “ Piece of Mind ” e

Painel Coletivo “40 Anos de Abril”. Galeria-Imargem, 9ª Escola FERNÃO ARTES – Secundária Fernão Mendes Pinto. Galeria Imargem, VIDRO PARA QUE TE QUERO? – VICARTE. Galeria Imargem, Exposição USALMA.

Galeria Imargem, IN LOVE MEMORY exposição de Fotografia de Nuno Pinheiro. Curso Imargem de Cerâmica com José António Silva e de Artes Plásticas-Projecto com Francisco Palma. 2015 Galeria Municipal de Arte de Almada, Exposição Anual IMARGEM 15, homenagem aos escultores António Júlio e Jorge Pé-Curto.

|25


Workshop Stop Motion com Cris Nogueira; Performance: “Sinfonia para o planeta Terra” com Carlos Ribeiro.

Sala Pablo Neruda - Fórum Romeu Correia ALMADA PELA PAZ “A paz e a confiança no futuro” com artistas da Imargem e Encontro com o tema “ A Arte e a Vida”. Exposição Imargem no Salão Nobre do Teatro Municipal Baltazar Dias no Funchal.

Galeria Imargem, Exposição Persona de Fernanda Guerreiro e Luís Cavaco. Galeria Imargem, Exposição Acervo da Imargem. Galeria Imargem, Exposição Trilhos de Jusete Nogueira. Galeria Imargem, Visões (Des)construídas de André Silva. Galeria Imargem, Signos de Maria Inácia Reis. Galeria Imargem, Exposição Olhares de Gena de Souza. Galeria Imargem, Exposição Desenhos Prováveis de Dina Gimenez. Galeria Imargem, Exposição Internacional GLASS FRONTIER – VICARTE. Galeria Imargem, Exposição da USALMA.

Solar dos Zagallos, ASSOCIAARTES 2015 – III Bienal Associações de Artes Plásticas do Distrito de Setúbal. Sala Pablo Neruda - Fórum Romeu Correia ALMADA PELA PAZ “A arte como impulso à vida, à criação e ao sonho” com artistas da Imargem e Performance “Sinfonia para o Planeta Terra” de Carlos Ribeiro.

|26


IMARGEM 16, homenagem a Carlos Canhão, Francisco Bronze e Louro Artur. Oficina de Cultura, exposição Coletiva Imargem, Pluralidades 2016. Solar dos Zagallos, Exposição da I BIENAL DE DESENHO DE ALMADA – Prémio Pedro de Sousa, no âmbito nacional. Exposição de Cursos da Imargem de Cerâmica e Desenho. Galeria Imargem, Exposição de Cursos da Imargem de Pintura e Projecto. Galeria Imargem, Exposição Um Bilhete Para o Céu de Francisco Chinita, Alexandra Dias e Isolina Lages. Galeria Imargem, Exposição Coletiva de Desenho Artistas da Imargem. Galeria Imargem, Exposição de Desenho Histórias de Bruxas com Plantas à Mistura! de Patrícia Cassis. Galeria Imargem, Exposição de desenho Vinte Miaus a Bastet de Maria Bargado. Galeria Imargem, Exposição de Desenho de Modelo. Galeria Imargem, Exposição Jardins do Mar e do Vento de Elsa Oliveira. Cursos/Ateliês da Imargem de Pintura com Maria Bargado, Cerâmica com José António Silva, Artes Plásticas-Projecto com Francisco Palma, Desenho “Afinal eu Sei Desenhar” com Paula Loureiro e Pintura com Carlos Canhão.

Ateliês de Desenho de NúArtístico orientados por Maria Bargado. Almada, ARTE EM FESTA 2016 (Organização Imargem, colaboração e participação de AACA, Oficina Divagar, SCALA, SFUAP e Vicarte),

2016 Galeria Municipal de Arte de Almada, Exposição Anual

com Encontros, Performances, Exposições e Ateliês / Workshops. Programa: Museu |27


de Rua com Carlos Ribeiro, Linoleogravura e Tecelagem com Fernanda Guerreiro, Azulejaria e Xilogravura com Conceição Freitas, Técnica Iknie com José Tavares e Desenho de Modelo ao Vivo com Maria Aurora na Imargem; Cerâmica com José António Silva no Solar dos Zagallos; Esponjadelik com Paulo Riesenberger na SFUAP e Diário Gráfico com Carlos Teixeira em Almada; Encontros e Palestras “Arte e Local”: Filme “Francisco Bronze, “Um construtor de Sonhos” e conversa com Francisco Bronze e Quintino Bastos; «DADA “tuga”» com Carlos Ribeiro; “Escultura Pública em Almada” com João Duarte e Jorge PéCurto, Encontro com ceramista Helena Abrantes; “Arte e Local” com Fernanda Guerreiro; “Monumento à Multiculturalidade e Planisfério da Interculturalidade” com Ana Ribeiro, Sérgio Vicente e Mário Campos ; “Almada, Arte e Património” com Natália Pinto; “Arte Urbana” com André Silva e Pedro Loureiro; “Mural Comemorativo do 25 de Abril” com com Alexanda Canelas e Sónia Moças; “A Difícil Tarefa de ser Público”, com Ana Paula Nogueira; “Cerâmica – Momentos” com José António Silva; “A Fotografia, Arte da Verdade, Arte da Vida” com Aníbal Sequeira, Apresentação

Revista “Zona Magazine” com Luís Aniceto e Vitor Cid na Imargem; Filme e Conversa “Manti Firmi Mana na Oficina Divagar e Encontro “Café do Dragão Vermelho-Espaço de Culturas com Luis Milheiro na SCALA; Performance “M de Márcia” de Leonel Oliveira com Lelo Tangerina e Marta Alves no Fórum Municipal Romeu Correia; Exposições “Paisagens Imaginárias” de Mariana Alves, “ERROS” de Leonel Oliveira e Colectiva de Serigrafia na Oficina Divagar, Exposição Colectiva de Artistas de Almada “Diálogos Abertos” e Exposição Internacional GLASS CLASS VICARTE na Imargem e “Uma Viagem pelas Exposições Artísticas de Almada” na SCALA.

Inauguração da Escultura de Cerâmica no Solar dos Zagallos – Projecto participativo da Imargem, maquete e coordenação de José António Silva. Largo São João Batista, Galeria de Rua. Jardim exterior do Museu da Cidade, Museu de Rua. Galeria Imargem, exposição de Monotipia. Galeria Imargem, exposição de pintura “Poeira de |28


Estrelas” de Margarida Cortez. Galeria Imargem, exposição de escultura “Land Art Time” de Helena Moreira. Galeria Imargem, exposição “O Gozo da Arte” de Jorge Garcia. Galeria Imargem, exposição “Estúdio QUATRO” de Maria Bargado, Carlos Morais, Francisco Palma e D`Souza.

Escultura e Desenho “Duas margens, Dois Olhares” de Fernanda Guerreiro e Fernando Quintas. Galeria Imargem, exposição “Devaneios sobre Paisagens e Memórias” de Joana Hamrol. Cursos/Ateliês Imargem de Pintura de Maria Bargado, Cerâmica com José António Silva e com Jorge Garcia, Artes Plásticas-Projecto e Temas e Paradigmas do Século XX com Francisco Palma, Desenho “Afinal eu Sei Desenhar” com Paula Loureiro e Pintura com Carlos Canhão.

Galeria Imargem, exposição “Cursos Pintura e Artes PlásticasProjeto da Imargem”. Galeria Imargem, exposição de pintura “Natureza-Pedaços de um Olhar” de Fátima Ramos. Galeria Imargem, exposição de Desenho “A Linha Em Movimento” do ateliê de Desenho de Modelo e curso de desenho Afinal eu Sei Desenhar. Galeria Imargem, exposição “Um Introspectivo Olhar Sobre o Real“ de Silvestre Raposo. Galeria Imargem , exposição de

|29


|30


PROPOSTAS ARTÍSTICAS Actualmente cerca de cinquenta artistas plásticos expõem regularmente nas exposições da Imargem, proporcionando o contacto da população de Almada com uma das particularidades da arte contemporânea, que é a sua diversidade, tanto nos diferentes projectos artísticos apresentados como também nas linguagens que as suas obras nos propõem.

|31


Alexandre Marques Carlos Canhão Carlos Morais Conceição Freitas Conceição Silva Dina Gimenez D`Souza Edda Machado Elsa de Sousa Elsa Oliveira Fátima Ramos Fernanda Guerreiro Fernando Cacela Francisco Bronze Francisco Palma Gena Souza Helena Moreira João Simões Raposo Jorge Garcia Jorge Norvick José António Silva José Quintero Louro Artur Luisa Marinho Marcos Reis Margarida Cortez Maria Aline Maria Bargado Maria Dâmaso Maria Inácia Reis Maria Jusete Nogueira Nuno Pinheiro Roby Athayde Susana Horta Teresa Martins Teresa Matos

|32


|33


| 3 4


| 3 6


| 41


| 42


| 43


| 44


| 45


| 49


| 5 0


J oã oSi mõesRa pos o

T em c oor dena doael a bor a ç ã odev á r i osl ot ea ment osder ec onv er s ã o ur ba ní s t i c aea l gunsPl a nosMuni c i pa i s , s endodedes t a c a roPl a node Ur ba ni z a ç ã odaL a goadeAl buf ei r a . Em 2 004c r i ouaARQUI QUALAr qui t et ur aeUr ba ni s moUni pes s oa l L da . , ondedes env ol v epr oj et osdea r qui t et ur ademor a di a s , edi f í c i os , equi pa ment osepr oj et osder ea bi l i t a ç ã o. Dáumaa t enç ã oes pec i a l à snov a sexi gênc i a sem t er mosa mbi ent a i s , de f or maobt ernoss euspr oj et ososmel hor esr es ul t a dos , a oní v el da s us t ent a bi l i da deedac er t i fic a ç ã oener gét i c a . Sóc i odaI ma r gem des de1 987 , c ons i der af unda ment a l as ual i ga ç ã oà s Ar t esques er eflet enoss euspr oj et os , nã os óa oní v el dopr oc es s oc r i a t i v o, c omodopr odut ofina l . C ont i nuoas e nt i r mepr i v i l e gi a dope l oe x e r c í c i odami nhapr ofis s ã oea ” s ur pr e e nde r me“s e mpr equev e j os ur gi rnume s pa ç o, numl oc a l , umaobr a quepr i me i r oe s t e v enami nhai ma gi na ç ã o. J . S . R.

| 5 1


| 5 5


| 5 6


| 5 7


| 5 8


| 5 9


| 60


| 61


| 62


| 63


| 64


| 66


| 67


| 68


| 69


|70


INDICE

NOTA DE ABERTURA

5-7

OS 35 ANOS DA IMARGEM

9-10

CURRICULUM IMARGEM

11-29

PROPOSTAS ARTÍSTICAS

31-69

|71


IMARGEM-Associação de Artistas Plásticos do Concelho e Almada Apoio/Financiamento: Câmara Municipal de Almada União das Freguesias de Almada, Cova da Piedade, Pragal e Cacilhas

|72


|1


Profile for Imargem

Livro Imargem 35 anos Almada  

Livro "Imargem 35 Anos (1982-2017)" editado pela Imargem - Associação de Artistas Plásticos do Concelho de Almada, Junho de 2017. Contém Te...

Livro Imargem 35 anos Almada  

Livro "Imargem 35 Anos (1982-2017)" editado pela Imargem - Associação de Artistas Plásticos do Concelho de Almada, Junho de 2017. Contém Te...

Profile for imargem82
Advertisement

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded