Issuu on Google+

Recursos

Benefício

Copa de 2014

Fazenda Rio Grande faz mais investimento na educação

Dilma anuncia reajuste médio de 19,4% para o Bolsa Família

ECONOMIA | B1

Câmara vai acompanhar aplicação de verbas públicas

MUNICÍPIOS DO PARANÁ | A4

GERAL | A5

CURITIBA, QUARTA-FEIRA, 02 DE MARÇO DE 2011 Ano XXXIV | Edição nº 8327 | R$ 1,50 | WWW.ICNEWS.COM.BR

Indústria &Comércio DIÁRIO. MAIS QUE NOTÍCIAS. INTELIGÊNCIA. CONHECIMENTO.

Fábio Campana Quem ganha com a fila? Um Procurador que investiga as questões do porto de Paranaguá chegou a conclusões que correm sobre o fio da lógica. A fila no porto interessa a atravessadores. E a única forma de evitá-la é só aceitar caminhões no pátio com programação prévia. Os sem programação devem ser enviados imediatamente aos armazéns de retaguarda, para evitar a ação desses atravessadores.

Pedro W ashing ashingtt o n Mudanças forçadas O anúncio inicial feito pela presidente Dilma, sobre um corte na previsão orçamentária de R$ 50 bilhões, ainda precisa ser explicitado. Até porque, as despesas do governo devem aumentar.

Aroldo Murá “FUMAÇA DO BOM DIREITO” EXPÕE FACE GENEROSA O lançamento do livro “Fumaça do Bom Direito”, que o professor e advogado Luiz Fernando Coelho lançará proximamente em Curitiba, vai acentuar dois aspectos valiosos: o autor é um intelectual, notável teórico do Direito, e o seu editor, o também advogado Luiz Fernando de Queiroz prossegue em seu silencioso e eficiente trabalho comunitário. Dos seis mil livros da edição, 4.500 exemplares serão doados a instituições culturais e filantrópicas, para que os vendam em seu próprio benefício. Com custo zero. Quem faz isso hoje em dia? E o grande apanhado que a coluna fez ontem sobre o sumiço de sociedades tradicionais – a última delas, o Literário do Portão – motivou uma série de contatos de leitores. Uns deles garantem, por exemplo, que a Sociedade Operário do Alto São Francisco foi vendida em leilão judicial, depois de uma”quebra” que teria sido arranjada. E quem é aquele senhor com ar de burocrata, guarda-chuva não mão, grande bigode? É um poeta maior. PÁGINA A3

Paraná prevê eliminar lixões a céu aberto até agosto de 2014 Será preciso cumprir diretrizes federais para ter acesso a recursos do setor

E

liminar os lixões a céu aberto do Estado até o mês de agosto de 2014. Esta será uma das metas do Paraná em cumprimento à Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). As diretrizes do Ministério do Meio Ambiente para o setor de resíduos sólidos foram apresentadas em Brasília pelo secretário nacional de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano, Silvano Costa. O secretário do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Jonel Iurk, disse que estados e municípios deverão elaborar seus respectivos planos para resíduos sólidos, sempre orientados pelo ministério.

Empresa indiana quer instalar fábrica no PR SEIM

Anúncio foi feito, nesta terça-feira (1), ao secretário da Indústria, do Comércio e Assuntos do Mercosul, Ricardo Barros.

GERAL PARANÁ | A3

GERAL | A5

“Taxa de desemprego de 2011 deve fechar no mesmo patamar que 2010” Elza Fiúza/ABr

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, disse nesta terça-feira (1º/03) que o Brasil deve fechar 2011 com uma taxa de desemprego semelhante à de 2010, quando o país registrou uma taxa média de 6,7%. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), janeiro deste ano teve uma taxa de 6,1%, abaixo dos 7,2% de janeiro de 2010. Lupi manteve a expectativa de que o país gerará 3 milhões de empregos neste ano, superando a marca de 2,5 milhões de postos criados em 2010. ECONOMIA | B1

EDITORIAL

O POSSÍVEL Dadas as claras deficiências dos sistemas eleitorais puros, por que não tentar um sistema misto? Que combine as qualidades dos puros ou que neutralize os seus defeitos? Este modelo é adotado pela Alemanha desde o segundo pós guerra; mistura os sistemas distrital puro com o de listas abertas. E vem sendo sugerido como alternativa desde a época do dr. Gustavo Capanema, nos cinco anos de governo do Juscelino Kubistchek no meio da década de 50 do século passado. No nosso entender, a melhor solução para o problema que voltou a se por à mesa no início da nova legislatura. Isto dito, repetimos: não há sistema eleitoral perfeito; humano demasiado humano, logo imperfeito. Todos os sistemas conhecidos, e praticados, têm vantagens e desvantagens, uns mais outros menos: o distrital puro, por exemplo, é capaz de produzir maiorias estáveis, mas impede a representação das minorias; o de listas abertas, como adotado por nós pós revolução de 30 do século passado, não cria maiorias estáveis, o que dificulta a governabilidade, mas acolhe todas as tendências do largo espectro ideológico, inclusive as folclóricas. Ao partirmos destes pressupostos se impõe a modéstia; ao invés de procurarmos o impossível, a meta inatingível, a boa política recomenda visar o possível. E menos imperfeito. Ou a política não é mais a arte do possível?

A Unicoba, empresa que atua no mercado de tecnologia há mais de 35 anos, e a TP-Link, fabricante líder no mercado asiático de soluções para redes residenciais e escritórios de pequeno e médio porte, lançam o Print Server Wireless TL-WPS510U. Compatível com a maioria das impressoras disponíveis no mercado, o dispositivo tem como função compartilhar uma impressora para vários computadores, sem a necessidade de conectá-la em um único computador. Ministro do Trabalho, Carlos Lupi

NEGÓCIOS | B4

Crédito também Shopping Divergências quanto sofrerá com Estação terá ao ranking do MP aperto monetário horário especial sobre violência O Indicador Serasa Experian de Perspectiva do Crédito às Empresas recuou 0,4% em janeiro de 2011.

No Carnaval, o Shopping Estação passa a funcionar em horário especial. Mas sábado e domingo terão horário normal.

A estatística é de 2008, mas refletiram no Mapa da Violência 2011, organizado pelo Ministério da Justiça e divulgado no último dia 24.

ECONOMIA | B1

NEGÓCIOS | B4

MUNICÍPIOS DO PARANÁ | A4

Indicadores CÂMBIO MAIORES ALTAS

COTAÇÃO

TELEMAR BANESE TECTOY TECTOY REDE ENERGIA

0,07 31,97 0,06 0,06 5,99

TELEMAR N L DOC IMBITUBA CAPITALPART TELEMAR BHG

CENTRAL DE ATENDIMENTO: 41 3333.9800 CMYK

Empresas lançam menor Wireless do País

0,03 0,01 0,21 0,02 0,60

MAIORES ALTAS AMBEV TIM PART S/A SABESP ELETROPAULO TELEMAR

CYRELA REALT ROSSI RESID TELEMAR CIELO BROOKFIELD

COTAÇÃO 45,25 7,75 41,13 32,20 26,00

15,76 12,30 34,60 12,63 7,45

E-MAIL: PAUTA@INDUSCOM.COM.BR

Moeda

Compra

Venda

Dólar turismo 1,5800

1,7200

Dólar comercial 1,6620

1,6640

Dólar paralelo 1,5900

1,7300

Euro

2,2921

2,2916

Ouro (Grama/R$): 180,73


GeralCuritiba

“A liberdade não tem qualquer valor se não inclui a liberdade de errar." Mahatma Gandhi Indústria&Comércio | Curitiba, quarta-feira, 02 de março de 2011 | A2

Previsão do tempo

AB Notícias

fonte: www.simepar.br

abnoticias@abcom.com.br

Mín.: 20° Máx.: 29°

No restante desta semana os valores das temperaturas permanecem mais amenos entre o sul e o leste, pois nestas áreas do Paraná o céu continua com muita nebulosidade devido à incursão de umidade proveniente do Oceano. Nas demais regiões paranaenses o Sol predomina e as temperaturas ficam mais elevadas, mas com pouca chance de chuva.

NOSSO LEITE O Paraná é o terceiro maior produtor de leite do Brasil, com uma produção de 3,3 bilhões de litros segundo dados do IBGE. As regiões que mais se destacam são Sudoeste, Norte e Oeste, dando espaço para a agricultura familiar. O Estado registrou aumento de 18% no ano de 2010. Segundo o Ipardes e a Emater, os lacticínios daqui processam 141,5 milhões de litros por mês, o que equivale a 1,7 bilhão todos os anos, e tem capacidade para processar mais se investir.

FEIRA AGROPECUÁRIA A Expo Umuarama, no Noroeste, acontece entre os dias 10 e 20 de março, sendo uma das maiores feiras de exposição agropecuária do Estado. Em sua décima edição, cerca de 270 mil pessoas devem comparecer. Os leilões vão desfilar 15 raças de gado. O município se destaca na pecuária, tendo cerca de 1,3 milhões de cabeças. A festa conta ainda com o tradicional rodeio, um dos mais famosos do Sul do país.

INVESTIMENTO

Petrobras estuda expandir produção de derivados no PR Companhia quer construir unidade de calcinação de coque de petróleo

O

diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, disse ao governador Beto Richa nesta segunda-feira (28) que a companhia estuda construir no Paraná uma unidade de calcinação de coque verde de petróleo, derivado utilizado como insumo por indústrias siderúrgicas, cimenteiras e termelétricas, entre outras. A empresa analisa ainda a possibilidade de fornecer para a indústria petroquímica o gás propeno que será produzido pela Refinaria Presidente Vargas (Repar), de Araucária. A unidade está em fase de ampliação e modernização, com investimento de 4,5 bilhões de dólares, até 2014. Paulo Roberto Costa pediu também ao governador Beto Richa que o governo trabalhe junto ao empresariado brasileiro e estrangeiro para atrair ao estado novas unidades para a construção de plataformas e módulos de plataformas, navios, supply boats e outros equipamentos. Na região de Pontal do Sul, em Pontal do Paraná, no litoral do estado, existe uma área que foi utilizada no passado

Governador Beto Richa recebe Paulo Roberto Costa, diretor de abastecimento da Petrobras

na construção de jaquetas para plataformas. “Acho que o governo do Paraná tem tudo para incentivar e viabilizar a vinda de muitos empresários para construção desse tipo de unidade de apoio para a exploração do petróleo do pré-sal, que representa um potencial gigantesco”, disse Paulo Roberto Costa. O governador disse que foi informado pela Techint Engenharia e Construção que a empresa irá construir duas plataformas fixas de petróleo em Pontal do Paraná, para instalar no Rio de Janeiro. O

projeto abrirá 2 mil empregos diretos e 6 mil indiretos no litoral. Richa também falou sobre o recém-lançado programa Paraná Competitivo, que prevê incentivos fiscais para empresas que estejam dispostas a investir em novas plantas ou na ampliação de seus parques industriais no estado. De acordo com o governador, a política de atração de investimentos contempla ainda investimentos na melhoria da infraestrutura paranaense e na capacitação e qualificação de mão de obra.

“O Paraná ficou parado por muito tempo. Agora estamos retomando a trajetória de atração de investimentos produtivos. Para isso vamos apoiar as iniciativas das empresas locais que queiram expandir as atividades e atrair novos investimentos”, afirmou o governador. Para Costa, o encontro foi muito positivo. “A receptividade do governador foi excelente, por isso acredito na possibilidade de formar uma parceria muito forte e produtiva entre a Petrobras e o Governo do Estado”, disse ele. “Essa parceria poderá viabilizar uma série de ganhos importantes para o povo do Paraná.” A Repar é a unidade da Petrobras que está recebendo o maior investimento entre todas as refinarias da estatal no País. O investimento de 4,5 bilhões de dólares envolve obras de reforma e ampliação das unidades de tratamento de diesel e de gasolina, geração de vapor e coqueamento retardado, entre outras. Em decorrência dessa modernização, 22 mil trabalhadores contratados estão no canteiro de obras, em Araucária.

Governo e centrais debatem mínimo regional O secretário estadual do Trabalho, Luiz Claudio Romanelli, recebeu nesta segunda-feira (28) representantes de todas as centrais representantes dos trabalhadores para ouvir as propostas em relação ao reajuste do salário mínimo regional. Economistas do Ipardes e do Dieese também participaram da discussão, apresentando estudos e números da economia paranaense. Segundo Romanelli, a meta do Governo do Estado é propor o melhor reajuste possí-

vel, e fazer com que o piso seja respeitado e pago para todos os trabalhadores, não só as categorias que não possuam convenção para o acordo coletivo de trabalho. “Outra proposta do governo é implantar uma política permanente de reajuste, uma fórmula que será regra para todos os anos seguintes”, afirmou As centrais sindicais propõem que, além da inflação acumulada em 2010, que ficou em 6,04%, o salário seja corrigido de acordo com o crescimento do Produto In-

terno Bruto (PIB), que acumulou em 8,3% no último ano. De acordo com o secretário, é preciso ouvir ainda o setor empresarial, que argumenta que o salário mais alto interfere na capacidade de competição do Paraná. “O governador Beto Richa defende uma discussão tripartite. Governo, trabalhadores e empregadores devem apresentar propostas, debater e chegar a um consenso sobre o reajuste proposto”, explicou. O encontro entre as três

representações está marcado para o próximo dia 16, quando deverá ser definida a proposta final, que será encaminhada para votação na Assembleia Legislativa. Entre os participantes da reunião estavam Roni Barbosa (CUT); Sergio Butka (FS); Paulo Rossi (UGT); Luiz Carlos (CGTB); Zenir Teixeira (CTB); Geraldo Ramthum (NCST); Nelson de Souza (FS); Evaldo Baron (NCST); Rogerio Kormann (UGT); Alexandre Drulla (UGT); Julio Suzuki (Ipardes).

Informe da Câmara Municipal de Curitiba Aprovada cidadania para campeã mundial de boxe A boxeadora Rosilete dos Santos, atual campeã pela Comissão Mundial de Boxe, uma das oito entidades que dirige este esporte no mundo, receberá o título de cidadã honorária de Curitiba. O projeto foi aprovado por unanimidade na sessão desta segunda-feira (28), em primeiro turno. A pugilista foi indicada pelo vereador Tico Kuzma (PSB) para receber a honraria, a mais alta entregue pela Casa a pessoas nascidas em outras cidades. “Ro-

silete divulga o esporte como forma de vida e leva o nome de Curitiba e do Paraná ao cenário esportivo nacional e internacional”, justificou o parlamentar, que sintetizou a trajetória da atleta desde quando foi boia-fria até os dias de hoje, como campeã de boxe. “No Brasil, país do futebol, quem escolhe outro esporte enfrenta mais dificuldades e é duas vezes campeão”, destacou Kuzma. A votação foi acompanhada por Rosilete e pelo ex-boxeador e campeão mundial

Macaris do Livramento, que é marido e treinador da pugilista. O casal tem uma filha, Nicoly, de 4 anos. A matéria será votada em segundo turno nesta terça-feira (1º) e depois segue para sanção do prefeito Luciano Ducci. Tragetória - A pugilista nasceu no município paranaense de Castro e soma 27 lutas na carreira profissional, com 22 vitórias e cinco derrotas. “A atleta estreou como amadora em 2001 e, em 2003, passou a lutar como profissional”, informou.

Hoje, é a número um do ranking brasileiro. Tico Kuzma ainda destacou que o próximo desafio de Rosilete está marcado para 19 de março, em São José dos Pinhais, na festa de aniversário da cidade da região metropolitana de Curitiba. Além do cinturão mundial da categoria Peso Galo (até 53,5 kg) da Comissão Mundial de Boxe, a luta vale posições nos rankings do Conselho Mundial de Boxe e da Associação Mundial de Boxe.

TURISMO E DESENVOLVIMENTO Itaipulândia, no Oeste, quer desenvolver o setor de turismo, com a criação de um Plano Municipal para o setor. O objetivo é encontrar medidas sustentáveis e elaborar um projeto que ajude no crescimento da cidade. Entre as obras previstas para este ano estão a conclusão do Parque Aquático Termal e obras no Balneário de Jucutinga, como quiosques e uma central administrativa. Ainda está prevista a reestruturação elétrica na imagem de Nossa Senhora Aparecida.

FESTA NO INTERIOR A vingar e de acordo com o tempo previsto pelo prefeito Luciano Ducci, já teremos nas eleições de 2012 um novo calçadão em Curitiba. Agora no coração do poder, na Cândido de Abreu. A festa promete: quiosques gastronômicos, pista tátil para deficientes visuais, internet sem fio de graça, espaços culturais de lazer, floreiras e iluminação de superfície.

CAPACITAÇÃO E TRABALHO Uma parceria entre o Senai e os Correios vai formar 248 jovens aprendizes no Paraná, nas cidades de Ponta Grossa, Cascavel, Maringá, Londrina e Curitiba. Podem participar jovens entre 14 e 24 anos. Eles terão aulas gratuitas de assistente administrativo e farão contratos com os Correios. A capacitação dura dois anos e envolve aulas de comunicação, gestão organizacional, organização de documentos e demais matérias.

TRADIÇÃO DE CARNAVAL O Carnaval de Tibagi, nos Campos Gerais, já é tradicional no Paraná, completando 101 anos. Para registrar os momentos da festa, o Museu Histórico Desembargador Edmundo Mercer Júnior abre uma exposição temporária na cidade com 130 fotografias, além de recortes de jornais e fantasias. Com visitação gratuita, começa na sexta-feira, 4, e termina no dia 8. Marchinhas antigas de carnaval também ficam tocando no rádio durante o tempo de visitação.

PRECISA DE REPAROS Prefeitos de diversas cidades do Sudoeste e Oeste se unem para pedir melhorias na BR-163, uma das principais que ligam o Sul do Brasil com o Mato Grosso. São cerca de 180 quilômetros que precisam de manutenção. A rodovia foi federalizada e ainda não teve reformas, necessitando de sinalização e novo asfalto. O trecho recebe cerca de oito mil veículos por dia.

PREVENÇÃO DO CÂNCER Um terço dos casos de câncer no mundo poderiam ter sido evitados se fossem adotadas medidas preventivas, segundo a União Internacional Contra o Câncer. No Brasil, são 472 mil novos casos todos os anos e muitas pessoas ainda desconhecem que hábitos de vida saudáveis ajudam a prevenir a doença. Outro problema é a alimentação do brasileiro, rica em gorduras que favorecem o surgimento de tumores.

PELA NATUREZA O município de Quatro Barras, na região de Curitiba, desenvolve um sistema para coleta de pilhas e baterias. O objetivo é promover a destinação correta desses materiais, sem prejudicar o meio ambiente. A partir da semana que vem 30 recipientes confeccionados com PVC estarão disponíveis em farmácias, agências bancárias e na prefeitura. As pilhas contêm metais pesados, como chumbo e mercúrio, nocivos à saúde e ao meio ambiente.

GRUPO EDITORIAL INDÚSTRIA & COMÉRCIO - PARANÁ

Fundado em 2 de setembro de 1976 Fundador e Diretor Responsável Odone Fortes Martins Reg.Prof. DRT/PR: 6993 (ofm@induscom.com.br) REDAÇÃO - Fone: 3333.9800 - E-mail: pauta@induscom.com.br Assinaturas, Publicidade Legal, Parque Gráfico e Circulação: Rua Imaculada Conceição, 205 CEP: 80215-030 PABX Fone: (41) 3333.9800 (41) 3334.4665 e-mail: publegal@induscom.com.br

Direção e Comercial: Rua Presidente Faria, 533 Centro - CEP: 80020-290 PABX Fone: (41) 3322.1012 E-mail: diretoria@induscom.com.br comercial@induscom.com.br

NEW CAST PUBLICIDADE & MARKETING BRASÍLIA E RIO DE JANEIRO Atendimento : Flávio Trombieri Moreira – Cel.: (61) 8155 2020 Endereço: SRTVS Quadra 701 Bloco K Sala 624 – Edifício Embassy Tower – Brasília DF - Cep.: 70.340 – 908 Fone/Fax: (61) 3223 4081 E-mail: new.cast@uol.com.br / new.cast@hotmail.com

Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal.


Economia Curitiba, quarta-feira, 02 de março de 2011 | A3 | Indústria&Comércio prpress@terra.com.br

Aroldo Murá G.Haygert

Panorama Político

aroldomura@induscom.com.br

"FUMAÇA DO BOM DIREITO" RESUME TEORIAS DE MESTRE Quando estiver lançando em Curitiba, nos próximos dois meses, o livro "Fumaça de Bom Direito - ensaios de Filosofia e Teoria do Direito", o advogado e professor Luiz Fernando Coelho estará vivendo mais uma etapa de toda uma vida marcada pelo ensino. Na verdade, ele é uma espécie de "mascate do Direito" acostumado a viajar Brasil afora, a atender convites de centros universitários e corporativos, desvendando as sutilezas dessa ciência de múltiplos caminhos. Formado na UFPR, foi na Alemanha onde Coelho solidificou parte de sua formação teórica conhecida e respeitada, que o livro vai mostrar em sua ampla latitude.

"FUMAÇA" - 2 O livro resume uma série de teses e indagações de Luiz Fernando Coelho, as quais os amantes do Direito foram conhecendo a partir de 1990, no antigo Boletim do Bonijuris, depois substituído pela Revista Bonijuris. Para o coordenador da editora que está nascendo, a Bonijuris, que acolhe a obra, advogado Luiz Fernando de Queiroz, o livro "contém alta indagação, sobre Filosofia do Direito, passando sobre outros temas altamente momentosos, como a defesa do meio ambiente". O autor enquadra-se na restrita categoria dos teóricos do Direito, que são os teóricos formuladores de novos olhares sobre as ciências jurídicas. Pertencem a um universo nem sempre conhecido, são contrário dos que operam o Direito no dia a dia de um escritório com clientes. Mas seus trabalhos dão o suporte teórico para a ampliação dos horizontes dessa área.

O OUTRO LUIZ, UM FILANTROPO

UM FILANTROPO - 3

TODAS - 3

Dentre os beneficiados estão a Associação dos Magistrados do Paraná, cujas vendas reverterão para obra social que mantém; Instituto Ciência e Fé, Instituto Euclides da Cunha e Associação dos Condomínios Garantidos do Brasil. Boa parte da edição será doada para endereços acadêmicos: diretórios universitários de Direito do país receberão a obra, sem ônus, podendo, todos os beneficiados, vender o livro com 100% de lucro. Para comercialização em livrarias, a cargo da JM, serão destinados 1.500 volumes. A obra resulta de um grande mutirão familiar, em que se empenharam Dulce de Queiroz Piacentini, Olga de Queiroz Kriger (casada com Marcílio Kriger, irmão do futuro cardeal primaz do Brasil, dom Murilo), e Luiz Fernando de Queiroz. Esta é a boa notícia - o livro de Coelho se desdobra, com o caráter beneficente e de formação cultural que a Editora Bonijuris lhe dará.

E o escritor, jornalista e "imortal" Dante Mendonça, mordaz e atento às mudanças urbanas aceleradas, diz mais ou menos isso: as sociedades recreativas soDante Mendonça: mem sem exmordaz certeiro plicações, mas com fabulosos lucros para uns e outros. Até porque as igrejas viraram o grande ponto de encontro para o anônimos da cidade em busca de cultivar amizades. Pode ser, Dante, mas não esqueça dos dízimos, dos "quem dá mais para Jesus" e das ofertas continuadas que boa parte dessas igrejas "aplica" nos sócios. Quer dizer, membros.

INVESTIGUE-SE A SOCIEDADE OPERÁRIO DO SÃO FRACISCO Vários leitores me escrevem e telefonam, a propósito do resumo que fiz ontem sobre como estão acabando as sociedades beneficentes tradicionais de Curitiba. Aquilo que mais impacto causou entre boa parte dos que se manifestaram foi o referente à da Sociedade Operária e Beneficente do Alto do São Francisco, a famosa Operário. Lá, por exemplo, realizaram-se as grandes noites de Carnaval com desfiles das "bonecas", anos 1960/ 80, assim chamados pelas apresentações de travestis. Eles acabaram por identificar o clube perante o grande público.

OPERÁRIO - 2

Luiz Fernando de Queiroz e Elin: grandes causas

Criador do Bonijuris - e agora da editora do mesmo nome - Luiz Fernando de Queiroz é o tipo humano que se pode classificar de filantropo. Mas faz tudo sem alardes, não aparece em colunas sociais, não faz mesuras ao mundo dos políticos, não se atribui méritos. Mas os tem, e muitos: ele e a mulher, a professora Elin Tallarek de Queiroz, mantêm há anos uma obra de defesa da cidade, e sobre a qual me ocuparei futuramente, "Caminhos Nota Dez" e seu desdobramento, "Zeladores de Vizinhança". No "Caminhos! e "Zeladores" o casal oferece gratuitamente à cidade serviços de despichação de prédios públicos e privados, pinturas de edifícios públicos, conserto de calçadas, cuidados com jardins públicos. O "zeladores" são isso mesmo: zeladores de quarteirões, sem custos para o contribuinte. Claro que há apoio de algumas empresas (só privadas) que partilham da mesma visão de defesa da urbe que Queiroz e Elin têm. A vida de Elin e Luiz Fernando Queiroz é um inesgotável exemplo de espírito público, comunitário, destituído de ambições políticas, de exibições de poder. "Não fazemos caridade", costuma dizer Queiroz, para assinar:"Ajudamos a preservar a cidade e a sua sustentabilidade".

UM FILANTROPO - 2 Luiz Fernando de Queiroz dá nova prova de compromisso com a realidade que o cerca, ao apoiar o livro do xará Luiz Fernando Coelho. Assim, boa parte da edição de seis mil exemplares será entregue gratuitamente a instituições de utilidade pública, para que vendam o livro em seu próprio favor.

Pois esses leitores atentos da coluna dizem, em síntese: a) a Sociedade não mais existiria, como clube; b) por manobras jurídicas e arranjos administrativos, a Operário teria sido comprada, em leilão judicial, por um grande empresário do ramo da construção civil; c) o suposto novo proprietário do imenso espaço imobiliário estaria apenas aguardando o momento oportuno para fazer da área valorizadíssima, alguma obra tipo shopping; d) desconhece-se o destino do quadro social, bem assim o do dinheiro apurado. Tema para se investigar, também, é se o edifício do Operário não estaria coberto sob algum tipo de interesse de preservação histórica.

LICITAÇÃO CULTURAL Paulino Viapana, que tem os olhos críticos da comunidade cultural do Paraná em cima de cada passo seu, vai conseguindo passar bem nos seus primeiros dias como secretário de Cultura do Paraná. Um bom exemplo dessa administração cultural é o que sua área promete: colocará em licitação as verbas culturais passíveis de entrarem em renúncia fiscal, e que são oriundas das poderosas estatais Copel e Sanepar, além da Copagas. Isto é positivamente o contrário do que ocorreu na administração Requião, quando as grandes fatias foram, na maior parte, para o MON, o Museu Oscar Niemeyer, presidido então por Maristela Requião.

TODAS AS GENTES Diversidade étnica é isso mesmo: na Escola de Samba Embaixadores da Alegria, persistente na manutenção do Carnaval de Curitiba, um dos destaques é um sambista da terra, mas sotaque germânico, olhos azuis e cabelo loiro. Nome: Alfred Newman. O moço pode virar atração, pelos hábeis passos de sambista ou até pelo nome.

TODAS - 2 Ainda sobre as sociedades recreativas e beneficentes, um leitor de idade digamos, "mais avançada" - conta-me que houve em Curitiba a Sociedade dos Caldereiros, que pode também ter sido vendida na "bacia das almas". Pode ser.

Pedro Washington

Mudanças forçadas

POEMAS PARA LA LIBERTAD Quem encontra, de manhã cedo, guarda-chuva pronto para o temporal, aquele sexagenário baixinho, careca e bigodudo, pode imaginarlhe burocrata, comerciante ou Manoel de Andrade: mesmo um farpoeta e libertário macêutico rumo ao serviço. Só conversando com ele é que se descobre que nele vive um poeta, já publicado em vários países da América Latina, e também em editoras brasileiras de porte, como a Civilização Brasileira. Trata-se de um poeta, que nos finais dos 1960 até final dos 1970 percorreu o continente pregando apaixonadamente sua poesia libertária.

POEMAS - 2 Manoel Andrade, 70 anos, formado em Direito, há anos atuando no departamento comercial de um plano de saúde, é parte da memória cultural de Curitiba, para onde se mudou em 1960, vindo de SC. Mas talvez seja mais reconhecido pelo continente afora, sobretudo pelo seu livro-chefe, "Poemas para la Libertad". Sua obra está em antologias de peso, ao lado de Mário Benedetti, Juan Gelman, Jaime Sabines e outros grandes vates do continente. Maneco agora prepara o livro que sintetizará sua vida e sua imersão na AL, focado nos 16 países por onde peregrinou depois de deixar o Brasil, sob perseguição de forças da repressão política. Vai contar a história literária e política de cada nação do continente. O "Poemas para Liberdade" foi publicado no Brasil apenas em 2009. Mas sua volta à edição de livros foi em 2007 com o seu "Cantares", que teve palavras de entusiasmo de Wilson Martins.

AO LADO DE BETO A Associação Comercial vai sentir a falta do jornalista Nilson Monteiro, por anos assessor de comunicação da ACP. Ontem ele mudou de endereço: passou à assessoria pessoal do governador Beto Richa. É garantia de um trabalho jornalístico que faz a grande herança de Nilson. Respeitado pela comunidade jornalística, é o tipo do profissional que mescla o bom caratismo às qualidades do assessor que pode ser ‘olhos e ouvidos do rei’. Mas jamais deixará de ser um tipo poitivamente especial. Vida longa ao Nilson, em meio aos palacianos. NOTA DO EDITOR: Registramos neste espaço, alguns dos leitores, empresários, políticos e personalidades que fizeram contato para contribuir ou congratular com a coluna diária do jornalista Aroldo Murá G. Hayger no jornal Indústria & Comércio. São eles: Edson Felix Klotz, arquiteto; Gustavo Scandelari, mestre e advogado do escritório de Rene Dotti; de Buenos Aires, Simon Muguelevsky, ex-rabino da comunidade judaica de Curitiba; Cesar Setti, produtor televisivo; Professor e jornalista e escritor Hélio de Freitas Puglielli; José Affonso Dallegrave Neto; Edmilson Fabbri é médico-cirurgião geral e diretor da StressClin, Ozil P Coelho Neto, Gestor do Instituto Bom Aluno e Abdo Abbage, cônsul honorário da Síria.

O anúncio inicial feito pela presidente Dilma, sobre um corte na previsão orçamentária de R$ 50 bilhões, ainda precisa ser explicitado. Até porque, as despesas do governo devem aumentar. Se comparadas com os de 2010, já consideradas altíssimas em função do período eleitoral, sofrerão acréscimo de 2 a 4%, o que num gasto público como o que se pratica no Brasil é excessivo. Falta o detalhamento de tais gastos na medida em que programas como o PAC, o Minha Casa Minha Vida, educação, saúde, tidos como “imexíveis” (a expressão é do ex-ministro Magri), estão sofrendo cortes. Para economistas o anunciado ajuste fiscal se dá em cima do que havia sido enviado (e aprovado obviamente) ao Congresso. Como sempre se afirmou que o orçamento é uma “obra de ficção”, parece ficar mais uma vez provado. A movimentação do governo, inclusive com o ministro Mantega afirmando que não há recursos neste ano para aquisição dos jatos para a Força Aérea (informe bem recebido pela população que não “come jato”), tem feito a festa da oposição que vê confirmadas as suspeitas de que a um ano de gastança, pela necessidade eleitoral, sucede-se outro de dinheiro curto. Até pela necessidade absoluta de conter a inflação que já dá de novo o ar da graça. Reduzir gastos públicos em outras áreas que não os investimentos, porém, nem pensar. Resta saber como reagirá o governo quando as primeiras pesquisas mostrarem que há reflexos na opinião pública pela redução em áreas que são essenciais ao bolso do brasileiro. Já não bastam os aumentos do custo de vida e suas conseqüências em cascata. Governo, ao contrário do dito popular vive “com um olho no Banco Central e outro no Ibope”.

Código discutível Pelas incertezas que ainda pairam sobre o novo Código Florestal a ser editado, sobra razão aos prefeitos da região oeste do Paraná ao sugerirem uma ampliação da discussão sobre o tema. Se restrito ao Congresso, o projeto certamente sairá imperfeito até pela predominância de alas tendenciosas. O país sustentável que ainda temos está a perigo. O humor meteorológico está alertando.

Cobertor curto Se na esfera federal os gastos do último ano de governo Lula, no esforço para eleger sua sucessora, redunda agora em cortes inevitáveis no orçamento, no Paraná não é diferente. Pela exposição do secretário Luiz Carlos Haully aos deputados estaduais, 2011 vai ser um ano só de tentativa de recuperação já que a economia do estado vem despencando. Só nos 4 meses finais de 2010, o furo foi de R$ 80 milhões.

Dívidas a granel Além dos R$ 80 milhões de déficit com que o estado fechou 2010, números ainda não definitivos segundo a informação de Haully, há ainda restos a pagar, que passaram do exercício anterior no valor de R$ 159 milhões. Com os aumentos salariais concedidos pelo governo e aprovados pela AL, o secretário chama os deputados à responsabilidade de encontrarem soluções para os problemas vividos por Beto e sua equipe.

Folga bem vinda No universo de problemas que envolvem o governo federal, os estaduais e em conseqüência os municipais, a chegada do Carnaval é um verdadeiro “refresco”. Pelo menos nesses poucos dias as críticas dos políticos e do povo retrocederão. As pendências ficam para a volta do feriadão.

Problema sazonal Mais um problema a ser enfrentado pela Secretaria de Infraestrutura: começam as filas demandando ao porto de Paranaguá. Ainda que a safra está apenas começando! A iniciativa de programar a movimentação desses veículos de carga, é difícil de ser cumprida. Haja caminhão!

Em choque Os problemas na movimentação de carga na época da safra de soja, mereceria do ministro Paulo Bernardo, embora hoje em outra área, uma atenção especial. Seria a sua resposta ao desentendimento provocado com o governador Requião na discussão da extensão da linha férrea.

Empresa indiana quer instalar fábrica de tanques no Paraná A empresa indiana Inoxcva estuda a instalação no Paraná de uma planta industrial para a fabricação de tanques criogênicos utilizados no transporte de gases liquefeitos, principalmente combustíveis. O anúncio foi feito, nesta terça-feira (1), ao secretário da Indústria, do Comércio e Assuntos do Mercosul, Ricardo Barros, pelo dirigente da empresa para a América do Sul, Joseph L. Farach. De acordo com Farach, a empresa - que possui fábricas na Índia, China, Estados Unidos e Canadá - já exporta os produtos para o Brasil e outros países da América do Sul, mas pretende aumentar a participação no mercado com a criação de uma filial no país. Num primeiro momento, a Inoxcva pretende construir uma estrutura para a manutenção e modernização dos equipamentos, e na

sequência iniciar a fabricação dos tanques. A conversa entre Ricardo Barros e Joseph Frach foi o início da prospecção da empresa no país. Mas o fato de o Paraná estar próximo ao principal mercado consumidor da empresa (São Paulo), possuir mão de obra qualificada e um Porto de grande porte (Paranaguá) são atrativos para a instalação da empresas no Estado. Ricardo Barros afirmou ao empresário que o Governo do Paraná possui muito interesse na instalação da indústria e aproveitou o encontro para detalhar a política fiscal do Estado e de suas mudanças recentes feitas pelo programa Paraná Competitivo. “Além de ser um importante investimento que vai gerar empregos e renda, trata-se de um produto inovador na economia paranaense”, avaliou o secretário.


Curitiba, quarta-feira, 02 de março de 2011 | A4

municipios@induscom.com.br

Notas Regularização fundiária na Lapa O prefeito Paulo Furiati (foto)n reuniu-se no auditória da Secretaria de Educação com as quase cinquenta famílias que atualmente movem uma ação na justiça assessoradas pela defensoria pública do município, ação esta visando a regularização fundiária dos seus lotes, nesta oportunidade Furiati, a Dra. Erika Matsugano e o Dr. Valdir Silveira trouxeram a todos ótimas notícias, pois o processo encontra-se em trâmitação final, bastando agora o recolhimento de pequena taxa visando a cobertura de custos cartoriais, tendo em vista que todo o auxílio jurídico foi prestado gratuítamente pela defensoria pública municipal e pelo Dr. Valdir Silveira. Ficou claro nesta reunião que quando existe interesse público as coisas realmente acontecem, Furiati destacou o empenho do juiz da comarca, Dr. Rodrigo Brum Lopes “que se mostra sempre preocupado na resolução das demandas sociais de nossa cidade, além do comprometimento de toda equipe envolvida neste processo e da presteza dos cartorários sempre ávidos em nos ajudar”.

Paranaguá faz desconto do IPTU A Prefeitura de Paranaguá, através da Secretaria Municipal da Fazenda, iniciará a distribuição dos carnês do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) 2011 a partir do dia 15 de março, mas já podem ser impressos pela internet, pelo site www.paranagua.pr.gov.br. O contribuinte que efetuar o pagamento à vista até o dia 30 de março terá direito a 15% de desconto e terá mais 5% de desconto se tiver pago em dia o imposto em 2010 e anos anteriores. Assim, o desconto máximo concedido pelo município pode chegar a 20%. A intenção da Prefeitura é incentivar os contribuintes a pagar em dia e utilizar a internet para imprimir os carnês. A novidade este ano serão os postos de atendimento, que serão instalados em 16 locais da cidade para facilitar a vida dos cidadãos e estarão atendendo a partir do dia 3 de março.

Integração em S.J. dos Pinhais Integração entre os poderes. Esse foi o principal tema de recente encontro , na Câmara Municipal de São José dos Pinhais, que reuniu diversas autoridades na área da segurança pública. Representantes da Secretaria da Segurança da cidade e os novos dirigentes das polícias Civil e Militar estiveram na sede do legislativo a convite dos vereadores para uma apresentação de cada órgão e a promoção da parceria entre os poderes para desenvolver um bom trabalho em São José.Na ocasião, a secretária de Segurança em exercício, Célia Milano, destacou a importância dessa parceria. “Guarda Municipal, Polícia Militar, Polícia Civil e toda a comunidade devem estar envolvidos para chegar a um melhor resultado na área de segurança pública. Já possuímos várias ações integradas e espero que esse caminho seja ampliado para atingir nosso objetivo”, disse.

CAMPINA GRANDE DO SUL

Divergências quanto ao ranking do Ministério Público sobre violência

A

estatística é de 2008, mas refletiram no Mapa da Violência 2011, organizado pelo Ministério da Justiça e divulgado no último dia 24. Com base neles, Campina Grande do Sul é a terceira cidade mais violenta do Brasil. Mas os números registrados na delegacia da cidade não conferem. Segundo a Polícia Civil, naquele ano foram 29 homicídios. O comandante do destacamento da Polícia Militar que atende Campina Grande do Sul e Quatro Barras, tenente Marcelo Freitas Barbosa, tem uma explicação para a disparidade dos dados. “O Mapa do Ministério da Justiça considera os números registrados no Instituto Médico Legal. Ou seja, todas as mortes ocorridas no município, independentemente do lugar em que aconteceu a violência. Como Campina Grande do Sul tem o Hospital Angelina Caron, que é referência nacional, grande parte desses óbitos são de pessoas que sofreram a agressão em outra cidade, mas foram atendidas em Campina”. O diretor do hospital, doutor Pedro Caron, confirma. “Atendemos muitas vítimas de violências

que acontecem em outros municípios”. O prefeito de Campina Grande do Sul, Luiz Assunção, chama a atenção para outro agravante. “Mais de 90 quilômetros de BR atravessam Campina Grande do Sul. Este é um dos lugares preferidos para o crime. Lá é comum acontecer até ‘desova’ de corpos. São ocorrências que, mesmo estando à margem da nossa sociedade, ficam registradas na nossa delegacia”.

Falta estrutura Embora o número de homicídios ocorridos no município seja menor do que o divulgado pelo Ministério da Justiça, o prefeito Luiz Assunção reconhece que o problema da violência existe. “Esse é um problema de toda a região metropolitana. Aqui em Campina não é diferente. Embora os números da delegacia sejam mais baixos, estão longe de serem ideais. Temos muito o que melhorar”. Assunção chama a

atenção para a falta de estrutura. “Temos três policiais militares e uma única viatura para atender Campina Grande do Sul, um município com 40 mil habitantes e de grande extensão. A nossa carceragem tem 42 presos, enquanto sua capacidade é para apenas oito”. O secretário municipal de Ordem Pública e Social, Edilson Luiz Magalhães, diz que o município tem feito sua parte em cobrar as autoridades responsáveis. “Estamos ‘calejados’ de tanto pedir reforço para o nosso policiamento”. A contemplação do município em programas federais também tem sido difícil. “Durante um ano, produzimos um estudo do mapa de violência do município, que rendeu 800 páginas. Este relatório foi enviado ao Ministério da Justiça em dezembro de 2009 como base para solicitar que o município fosse incluído no Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania. Não fomos atendidos”, comenta o secretário.

Pinhais recebeu o Castramóvel Pinhais recebeu na última terça (22), a visita do Castramóvel. O ônibus que é equipado para a castração de animais domésticos, atendeu os cães cadastrados no Projeto de Castração do município, desenvolvido pelo Centro de Controle de Zoonoses em parceria com a UFPR, que incentiva a guarda responsável. De acordo com a coordenadora do CCZ, veterinária Cristiane Barros, a utilização do Castromóvel agiliza os procedimentos, e amplia o atendimento do projeto. “Nós não precisamos se deslocar até a universidade com os animais. O processo cirúrgico, e de recuperação é feito aqui no município, e eles voltam para as suas casas no mesmo dia”, explicou. Antes de irem para a cirur-

gia, os animais passaram por uma pré consulta na última semana, onde foram realizados exames para avaliar as condições físicas e de saúde. Na última terça os animais ficaram em jejum, e após a intervenção cirúrgica no Castramovél, voltaram para o canil do

CCZ, onde permaneceram sob os cuidados dos alunos e professores do Departamento de Medicina Veterinária da UFPR. Após algumas horas de recuperação, eles foram entregues nas casas dos proprietários junto com a receita médica.

ENSINO PÚBLICO

Fazenda Rio Grande faz mais investimento na educação A Prefeitura de Fazenda Rio Grande vêm fazendo constantes investimentos na área da educação com o objetivo de formar e melhor qualificar o cidadão fazendense. Atualmente são R$ 17.340.746,28 em investimentos na área de educação. Nos últimos dois anos as melhorias da infraestrutura e a capacitação dos professores foram ampliadas no município como forma de reconhecimento da importância da educação no cotidiano da população. O resultado de tantos investimentos planejados será colhido no futuro, com a melhor qualificação do povo fazendense e também com a queda dos índices de violência em Fazenda Rio Grande. “Essas são importantes sementes que estão sendo ‘plantadas’ por nossa administração e que no futuro próximo teremos os resultados positivos ‘colhidos’. Uma criança dentro da escola é uma criança mais perto de ter um futu-

CMYK

Prefeito Chico Santos visita obras

ro melhor e mais longe da violência e das drogas”, explica o prefeito Chico Santos. Entre os maiores investimentos nesta área, segundo Chico Santos, estão a entrega de duas novas creches para a população, além da construção de dois novos colégios estaduais e de uma escola municipal. Somados, o valores chegam a R$ 7.703.823,36. “Estamos trabalhando

para ampliarmos as vagas de todas as faixas etárias e também procurando melhorar a qualidade do ensino e as estruturas educacionais de nossa cidade. É um trabalho de valorização da educação e o sucesso é o nosso objetivo”, concluiu o prefeito, que também investe em uma escola técnica para o município. O investimento será de R$ 6.087.613,17.


Geral Curitiba, quarta-feira, 02 de março de 2011 | A5 | Indústria&Comércio

Fábio Campana

Contexto Político Quem ganha com a fila? Um Procurador que investiga as questões do porto de Paranaguá chegou a conclusões que correm sobre o fio da lógica. A fila no porto interessa a atravessadores. E a única forma de evitá-la é só aceitar caminhões no pátio com programação prévia. Os sem programação devem ser enviados imediatamente aos armazéns de retaguarda, para evitar a ação desses atravessadores. Vamos ao raciocínio de nosso diligente Procurador. 1 – A fila é resultado de uma ordem de transporte para um determinado operador portuário. 2- Se não há programação de navio para embarque dessa mercadoria, dificilmente haverá espaço nos terminais portuários que embarcam as mercadorias. 3 – A situação se agrava no momento em que os silos da CBL (Fumagalli) estão fora de operação. Eles representam 90 mil toneladas de capacidade de armazenamento que giram normalmente uma vez e meia por mês. Significa que essas instalações absorvem 120 mil toneladas por mês. Isso representa 4 mil caminhões/mês. 4 – Enquanto os caminhões ficam parados no pátio sem programação de des-

Curitiba e Osasco,em SP estudam parcerias O secretário municipal do Trabalho, Paulo Bracarense, e a secretária do Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão da Prefeitura Municipal de Osasco, Dulce Cazzuni se reuniram, no último dia 25, para trocar estratégias na geração de trabalho, emprego e renda. Dulce Cazzuni é a coordenadora do Fórum Mais 300, que aglutina todas as capitais e os municípios com mais de 300.000 habitantes do país. No interior paulista, os dois secretários e suas equipes discutiram a participação no Fórum Mais 300, na Conferência Nacional do Trabalho Decente, que será realizada em Brasília em maio de 2012, e a política de municipalização do Sistema Nacional do Emprego (SINE). Além de Bracarense, estiveram em Osasco o superintendente da Secretaria, César Bassani e o assessor especial, Marcos Dias.Entre as ações desenvolvidas na área do trabalho no município do interior de São Paulo estão: Políticas Emancipatórias, Políticas Desenvolvimentistas e Políticas Redistributivas. Através dos programas "Osasco Digital" - desenvolvido com apoio Observatório do Trabalho - e "Osasco Inclui", a Prefeitura de Osasco busca entre outros aspectos a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. Segundo Bracarense, são programas que poderão servir de suporte para uma futura parceria entre os dois municípios. A secretária Dulce Cazzuni afirmou que somente através da municipalização será possível obter avanços nos políticas públicas de geração de empregos e renda. Para Bracarense, a participação dos municípios na construção da Conferência Nacional do Trabalho Decente, com a apresentação de teses a partir das Conferências Municipais é peça chave no aprofundamento da Agenda Nacional do Trabalho Decente. "Se não conseguirmos envolver a sociedade, corremos o risco de realizarmos uma Conferência que não poderá construir uma sociedade melhor em que as determinantes do Trabalho Decente, sirvam de base para uma nova estrutura social.

editor@fabiocampana.com.br

carga, inicia-se uma pressão sobre o produtor dono da mercadoria para vendê-la. Quanto maior a expectativa de espera, maior o deságio que o produtor dará sobre o valor do produto carregado no caminhão que espera descarga. 5 – O lucro dos atravessadores só se materializa se eles tiverem possibilidade de tão logo depois da compra puderem enviá-la para os terminais portuários. 6 – Um caminhão de 30 toneladas pode representar um lucro extra de R$ 600 a R$ 900 por caminhão para o atravessador. Se adquirir a mercadoria de 50 caminhões por dia, o lucro é de R$ 45 mil por dia. 7 – Caso o produtor não venda, além da estadia a sua mercadoria será enviada a armazéns de retaguarda onde terão de pagar taxa de armazenagem mínima, a carga e recarga da mercadoria e o transporte através de caminhões das cooperativas de autônomos de Paranaguá. Esta despesa não fica abaixo de R$ 30 por tonelada. 8 – Ou seja. O produtor ou vende ou paga. Alguém está ganhando e muito com a fila.

Especializado A Polícia Civil terá um grupo especializado em investigações de assassinatos sem resolução, o Homicídios Não Resolvidos (Honre). O novo grupo funcionará dentro da Dele-

gacia de Homicídios, em Curitiba. O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (1.º), em entrevista coletiva. Na ocasião, o delegadochefe da Divisão de Investigações Criminais (DIC), Luis Fernando Viana Artigas Filho, revelou que somente casos anteriores a 2008 ficarão sob responsabilidade do novo grupo. O responsável pela nova divisão será o delegado Rubens Recalcatti.

Controversa A instalação desta nova CPI dos Pedágios é, no mínimo, controversa. Autor do pedido de abertura da comissão, o deputado Cleiton Kielse é peemedebista há vários carnavais. Acompanhou toda a gestão do ex-governador Roberto Requião, com suas promessas falidas de “ou o pedágio abaixa, ou acaba”. Agora, findados oito anos de governo do PMDB, Kielse toma a frente da CPI dos Pedágios. Seria louvável se tivesse proposto na gestão passada. Agora parece artificial.

Bater ponto O presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Valdir Rossoni, informou que a partir desta quarta-feira (2) passa a funcionar o ponto eletrônico na Casa. Todos os funcionários efetivos e comissionados da Casa deverão bater ponto. Quem não o fizer, será descontado no fim do mês.

Melhor do Brasil Em meio à turbulência do primeiro mês frente à Assembleia Legislativa do Paraná, o presidente da Casa Valdir Rossoni (PSDB) pediu paciência aos críticos e garantiu que até o mês de abril, após o processo de reestruturação administrativa, a Casa de Leis paranaense será exemplo para o País. “Os avanços foram significativos pelo tempo que estamos trabalhando. Se tiverem um pouco de paciência, no final de março, início de abril, nós teremos a melhor Assembleia do Brasil”.

Reforma política O deputado federal Sandro Alex (PPSPR) encomendou levantamento ao instituto Paraná Pesquisas a respeito da reforma política. O paranaense é titular da Comissão da Reforma Política aberta nesta terça-feira (1°) no plenário da Câmara dos Deputados. Pontos importantes foram abordados na pesquisa como financiamento público de campanha, reeleição, voto distrital, voto obrigatório, entre outros. A maioria absoluta dos curitibanos é contra o financiamento público de campanha. E 83% dos Curitibanos nada sabem sobre a reforma política.

MEIO AMBIENTE

Paraná prevê eliminar lixões a céu aberto até agosto de 2014 Será preciso cumprir as diretrizes federais para acessar aos recursos do setor Eliminar os lixões a céu aberto do Estado até o mês de agosto de 2014. Esta será uma das metas do Paraná em cumprimento à Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), instituída pela Lei 12.305 de 2010. As diretrizes do Ministério do Meio Ambiente para o setor de resíduos sólidos foram apresentadas nesta segunda-feira (28), em Brasília, pelo secretário nacional de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano, Silvano Costa. O secretário do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Jonel Iurk, disse que estados e municípios deverão elaborar seus respectivos planos para resíduos sólidos, sempre orientados pelo ministério. Segundo ele, a política de resíduos sólidos para o Paraná será elaborada com base nas diretrizes da política nacional e os órgãos ambientais trabalharão de forma integrada para garantir o cumprimento das metas federais. A política nacional fornece a orientação de conteúdo, determinando o que deve constar do plano estadual, exigindo que o poder público faça um diagnóstico e acompanhe os fluxos dos resíduos. Isto implicará em incentivo à reciclagem e aproveitamento, aumen-

tando a coleta seletiva, dentre outras medidas. O presidente do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), Luiz Tarcísio Mossato Pinto, e o presidente do Instituto das Águas do Paraná, Marcio Nunes, participaram do encontro, que reuniu 18 secretários estaduais.

CONSÓRCIOS Márcio Nunes destacou uma das diretrizes da política nacional que prevê o incentivo à formação de consórcios intermunicipais para construção de aterros sanitários. O presidente do Instituto das Águas informa que a elaboração dos planos municipais e microrregionais de resíduos sólidos será fundamental para que os municípios tenham acesso a recursos federais para construção de aterros sanitários. "São R$ 1,5 bilhão em recursos para o setor, mas para termos acesso a estes recursos os municípios paranaenses deverão cumprir as diretrizes federais", disse Márcio. O presidente do IAP, Tarcísio Mossato Pinto, lembra que outra determinação relevante do ministério é a ampliação de

ações de coleta seletiva e logística reversa nos municípios. "Será necessário um maior comprometimento para diminuição dos resíduos destinados aos aterros sanitários, seja por meio da reciclagem, compostagem, reutilização e outras formas sustentáveis, visando à redução dos rejeitos", disse. Esta contrapartida, segundo ele, será a prioridade na obtenção de recursos da União, de acordo com a regulamentação. Participaram da reunião secretários de Meio Ambiente dos estados de Alagoas, Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Sergipe, Acre, Ceará, Pará, Santa Catarina, Goiás, Mato Grosso, Paraíba, Paraná, Rondônia, técnicos da Adasa/DF e do MMA. Para o secretário nacional, é fundamental que os gestores estaduais da área de meio de ambiente conheçam a política, pelo fato de ter um viés educacional, na medida em que dispõe e esclarece sobre princípios, objetivos e instrumentos e destaca as diretrizes relacionadas com a gestão integrada e o manejo de resíduos sólidos.

Câmara vai acompanhar aplicação de verbas públicas na Copa O secretário estadual para Assuntos da Copa 2014, Mario Celso Cunha, afirmou nesta terça-feira (01/03) que o governo vai ativar uma Câmara Temática da Transparência para fazer a fiscalização e o acompanhamento dos recursos que serão aplicados no Paraná relativos a projetos para o mundial de futebol da Fifa. A informação foi repassada ao procurador do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas do Estado do Paraná, Flávio de Azambuja Berti, que solicitou ao secretário Mário Celso dados sobre as ações que estão sendo desenvolvidas para a preparação do campeonato em Curitiba. No encontro, o secretário reforçou a orientação do governador Beto Richa de que haja transparência na aplicação de recursos públicos. Mário Celso vem

mantendo contatos com o Ministério Público e Tribunal de Contas para que seja feita uma fiscalização rigorosa da aplicação das verbas. "Estamos nos assegurando de que haverá um responsável pelo acompanhamento da utilização do dinheiro que será destinado pelo Estado e pela União para a

Copa", afirmou. Dentro do processo de preparativos para a Copa, Mário Celso Cunha também recebeu o presidente do Clube Mercês de Curitiba, Cláudio René Weldt, que fez uma apresentação da estrutura física da agremiação e ofereceu o espaço para utilização pela organização do mundial.

38 PAÍSES NO PARANÁ

Cônsul do Senegal agradece ao Governador pela instalação do Portal Africano

O governador Beto Richa recebeu no Palácio das Araucárias um grupo de representantes de 38 países que integram a Sociedade Consular do Paraná. Ele falou que deseja estimular o diálogo com governos e empresários de todas as nações que desejem realizar investimentos no Estado. “Estamos mostrando à sociedade o nosso estilo: um governo de portas abertas, que busca o diálogo, com respeito. Queremos estabelecer parcerias que sejam produtivas para os paranaenses”, disse o governador. Na ocasião, o cônsul geral do Senegal para o Paraná e Santa Catarina, Ozeil Moura dos Santos, disse que o encontro foi muito importante porque compareceram representantes 38 países. “São países que vêm ao Paraná em busca de integração comercial, cultural, científica, tec-

nológica, esportiva”, destacou. Ele disse que a África tem um bilhão de pessoas em 53 países que são eminentemente importadores. “A tecnologia que o Paraná tem é a que serve para a África”, disse. Ozeil agradeceu ao governador que, quando foi prefeito de Curitiba, criou o Portal Africano na praça Zumbi dos Palmares. “O Portal deu início a Cooperação Comercial, Cultural, Turístico, Esportivo, Cientifico e a Transferência de Tecnologia entre o Paraná, Santa Catarina, o Brasil, e o Continente Africano. Acrescentou que a repercussão deste Portal vem cada vez mais se tornando uma nova atração turística para Curitiba”, comentou. “É o maior portal africano do mundo, com 53 totens. Hoje esta obra é uma grande atração turística para o Paraná e para os africanos que aqui vêm”, completa.


PublicidadeLegal Curitiba, quarta-feira, 02 de março de 2011 | A7 | Indústria&Comércio A empresa Wood & Arte Móveis Ltda, torna público que requereu ao IAP, renovação da Licença de Operação para a atividade de Indústria e Comércio de Móveis de Madeira, implantada na Rua Saara nº 256, Pineville, Pinhais, Estado do Paraná. CESBE PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF N.º 09.438.590/0001-03 AVISO Comunicamos aos Senhores Acionistas desta Empresa que se acham à sua disposição, em nossa Sede Social, sita à Rua João Negrão, 2226, 1º andar, nesta Capital, os documentos a que se refere o artigo n.º 133 da Lei N.º 6404, de 15 de dezembro de 1976, relativos ao exercício findo em 31 de dezembro de 2010. Curitiba, 25 de fevereiro de 2010. CARLOS DE LOYOLA E SILVA DIRETOR PRESIDENTE CESBE S.A. ENGENHARIA E EMPREENDIMENTOS CNPJ/MF N.º 76.487.222/0001 42 AVISO Comunicamos aos Senhores Acionistas desta Empresa que se acham à sua disposição, em nossa Sede Social, sita à Rua João Negrão, 2226, nesta Capital, os documentos a que se refere o artigo n.º 133 da Lei N.º 6404, de 15 de dezembro de 1976, relativos ao exercício findo em 31 de dezembro de 2010. Curitiba, 25 de fevereiro de 2010. EDMUNDO TALAMINI FILHO DIRETOR PRESIDENTE

T RAV . N ESTOR

1º O FÍCIO DO REGISTRO C IVIL 13º T ABELIONATO L EÃO B EL . R ICARDO A UGUSTO DE L EÃO - O FICIAL DE C ASTRO , 271 - CEP 80.020-120 C ENTRO - C URITIBA - PR EDITAL DE PROCLAMAS

F AÇO

SABER QUE PRETENDEM CASAR - SE :

1 - JEFERSON DE LIMA PADILHA E WENDY YASMIM WAGNER FIDENCIO. Se alguém souber de algum impedimento, oponha-o na forma da Lei, no prazo de 15 dias. Lavro o presente Edital de Proclamas para ser publicado e afixado em lugar de costume.

SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO A empresa Straube & Correia Administração e Participação Ltda., com CNPJ nº 06.273.819/0001-9, torna público que requereu junto ao Instituto Ambiental do Paraná – IAP, Licença de Instalação para empreendimento Comerciais e de Serviços, a ser implantado a Alameda Bom Pastor s/n. localidade de Arujá, município de São José dos Pinhas, Estado do Paraná. Com Matrícula R.I. n.º4.746, ofício de São José dos Pinhas, Paraná

3º OFÍCIO DE REGISTRO CIVIL E 15º TABELIONATO DE PESSOAS NATURAIS Município e Comarca de CURITIBA, Estado PARANÁ BEL. MÔNICA MARIA GUIMARÃES DE MACEDO DALLA VECCHIA Registradora Designada F AÇO

SABER QUE PRETENDEM SE CASAR :

01- ORLÉTE ANTUNES DE OLIVEIRA JUNIOR E ALESSANDRA CALEFI; 02- JAMBERTH LUCIO DO NASCIMENTO OLIVEIRA E SIMONE WINTER AMARAL; 03- SAMUEL TABANES MENON E JULIA SIMÕES PEDROSA; 04- ADEMIR CASELATO CHAVES E BIANCA SILVA PEREIRA. SE ALGUÉM SOUBER ( QUINZE ) DIAS .

DE ALGUM IMPEDIMENTO , OPONHA- O NA FORMA DA LEI NO PRAZO DE

15

CURITIBA, 01 DE MARÇO DE 2011

G.L.A. IMÓVEIS LTDA C N P J Nº 77 538 957 / 0001 - 10 ASSEMBLÉIA DELIBERATIVA DE SÓCIOS EDITAL DE CONVOCAÇÃO São convidados os Senhores Sócios para, em Assembléia Geral Deliberativa, a ser realizada na Sede Social da empresa GPD – Serviços Administrativos Ltda., sito à Rua Estados Unidos, 1680, Boa Vista, em Curitiba - PR., às 09:00 hs., do dia 04 de abril de 2.011, para tomarem conhecimento e deliberarem sobre a seguinte: ORDEM DO DIA a) Apreciação, discussão e votação do Relatório dos Administradores e Balanço Geral, referente ao exercício encerrado em 31.12.2010; b) Alteração na cláusula da Administração; c) Consolidação do Contrato Social. AVISO:- Comunicamos, outrossim, que os documentos a que se refere o Artigo 1.078, da Lei 10.406, de 10 de janeiro de 2002, encontram-se à disposição dos Senhores Sócios, na Sede Social. Curitiba, 24 de fevereiro de 2011. DARCI GULIN e JOSÉ MAURO GULIN Administradores

CURITIBA, 01 DE MARÇO DE 2011

CUMPRIMENTO DE SENTENÇA Nº 2006.70.00.021418-1/PR EXEQÜENTE ADVOGADO EXECUTADO

: : : :

CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF ANESIO ROSSI JUNIOR HELENIZE CRISTINE DIETRICH DREHMER ALESSANDRO AYLAN CARDOSO

EDITAL N.º 4977986 EDITAL DE INTIMAÇÃO - PRAZO 60(SESSENTA) DIAS O Doutor Cláudio Roberto da Silva, Juiz Federal Substituto da Segunda Vara Federal Cível da Seção Judiciária do Paraná, na forma da lei, F A Z S A B E R, aos que o presente virem ou dele conhecimento tiverem, que tramitam neste Juízo Federal os autos da Ação de Cumprimento de Sentença nº 2006.70.00.021418-1, em que figura como exequente a CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, inscrita no CNPJ/MF sob nº 00.360.305/0001-04 e executado ALESSANDRO AYLAN CARDOZO, inscrito no CPF/MF sob nº 797.126.22991. E, constando dos autos encontrar-se o executado em LUGAR INCERTO E NÃO SABIDO, pelo presente fica o executado devidamente INTIMADO, do inteiro teor do despacho proferido na fl.118, para cumprimento no prazo de 15 (quinze) dias, cujo prazo começará a fluir após o prazo deste edital.

E para que cheque ao conhecimento de todos e ninguém possa alegar ignorância, determinou o MM. Juiz Federal Substituto que se expedisse o presente edital, o qual será afixado no lugar de costume e publicado na forma da lei. Expedido nesta cidade de Curitiba, Capital do Estado do Paraná, em primeiro de fevereiro do ano de dois mil e onze, por ______Eliana C.P.Machado, Supervisora de Processamento, conferido e subscrito por ___________Marcos Rogério Pires Bueno, Diretor de Secretaria da 2ª Vara Federal Cível. Claudio Roberto da Silva Juiz Federal Substituto

FAT aprova R$ 2,6 bi para pequenas empresas Empresa vai destinar em 2011 R$ 7,7 bi para vários programas

O

nibilizados R$ 7,7 bilhões nos vários programas do FAT neste ano. Os recursos vão fomentar a criação de novos postos de trabalho e a modernização de micro e pequenos negócios em setores produtivos, como comércio e turismo. O destaque ficou pela manutenção das linhas de crédito, FAT Taxista (R$ 100 milhões) e FAT MotoFrete (R$ 100 milhões). O Codefat aprovou ainda a aplicação de R$ 220 milhões em inovação tecnológica. Os ministros da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, e do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, defendem

a aplicação de parte do recurso em inovação e tecnologia. "É equivocada a concepção de que inovação tecnológica não gera emprego. Não há como haver crescimento sem inovação", afirma Mercadante. "Defendo que as empresas precisam apostar na inovação tecnológica e que essa inovação não vai cortar e sim incrementar postos de trabalho", avalia Lupi. Em 2011, R$ 13,4 bilhões do orçamento do FAT estão destinados a políticas desenvolvidas pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES). O restante vai financi-

ar o pagamento de benefícios, a qualificação profissional de trabalhadores e a geração de emprego e renda por meio dos programas voltados principalmente aos setores estratégicos como transporte coletivo de massa, infra-estrutura turística e obras de infra-estrutura voltadas para a melhoria da competitividade do país e projetos de inovação tecnológica por meio da Finep. Em relação ao mesmo período do ano passado, as despesas do FAT apresentaram crescimento de 36,88%, passando de R$ 1,476 bilhão em janeiro de 2010 para R$ 2,020 bilhões em janeiro deste ano.

Paraná Clínicas atende exigências da Anvisa O mercado de saúde está à frente na busca pelo controle da poluição ambiental, gestão de resíduos e eficiência operacional com baixo custo de manutenção. No Paraná, o Centro Integrado de Medicina (CIM) da Paraná Clínicas, localizado no Água Verde, possui mais de 18 mil m² de estrutura totalmente sustentável que visa à redução no consumo de água, energia elétrica e poluição sonora, líquida e sólida. Motivo de orgulho para os

paranaenses, o CIM foi uma das primeiras instalações de grande porte na área da Saúde, no Sul do país, que atenderam todos os pré-requisitos de controle ambiental e normas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Para a arquiteta e autora do projeto, Sandra Pinho Pinheiro, “o setor da saúde sempre se mostrou preocupado com as construções que respeitem o meio ambiente. A estrutura do CIM, por exemplo, apresenta sustentabilidade

Carnaval combina com diversão e cuidados especiais É importante preparar-se para a folia. A academia Mobi Dick Fitness recomenda as aulas de musculação, jump e spinning que, em uma hora de aula, queimam em média de 500 a 800 calorias e dão bom condicionamento físico. Para Alejandro Ormeño, professor de musculação, ginástica e spinning da Mobi Dick, mais do que estar em forma, é preciso ter um bom ritmo cardiorrespiratório. “A maratona do Carnaval exige uma grande resistência cardiovascular respiratória e musculatura firme. Por isso, as atividades aeróbicas, como o spinning e o jump, se encaixam perfeitamente, pois aprimoram esta resistência além de provocar a perda de peso enfatizando o trabalho neuromuscular”, explica. E ele continua. “No caso do spinning, o ininterrupto movimento de pedalar exige a participação de grande parte dos músculos dos membros inferiores, além do tronco e membros superiores envolvidos direta e indiretamente no trabalho e muitos outros benefícios. Esses são os músculos mais exigidos quando pulamos Carnaval”, completa. Outra atividade recomendada pelo professor é a musculação que ajuda a dar tonicidade aos músculos do abdômen, região lombar da coluna, glúteos e pernas. “O fortalecimento destas regiões garante que, no dia seguinte, a pessoa não deixe de aproveitar o carnaval devido à dores musculares. Isso vale principalmente para as mulheres, que costumam usar salto alto”, complementa. Vale lembrar que a falta de preparo pode causar distensões musculares, dores na panturrilha e nas pernas, e até, em caso de predisposição, um ataque cardíaco. Para ajudar os foliões a acompanhar a maratona, a academia Mobi Dick Fitness promove durante toda esta semana aulões de Carnaval para os freqüentadores de hidroginástica, spinning e ginástica.

Ipea divulga estudo sobre energia e meio ambiente O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) apresenta nesta terça-feira, 15, às 10 horas, o Comunicado do Ipea n° 77: Energia e meio ambiente no Brasil. Parte da série Eixos do Desenvolvimento Brasileiro, o estudo apresenta questões como oferta interna e padrão de consumo energético brasileiro. A pesquisa traz a análise da matriz energética brasileira, os percentuais de energia renovável e não renovável, o perfil do consumo energético brasileiro, além de projeções do consumo e investimentos futuros em energia. A geração de energia a partir de fontes alternativas, como a eólica, biomassa e solar, também faz parte do comunicado. O estudo ainda trata do consumo energético residencial, nos transportes e na indústria brasileira. O Comunicado n° 77 será apresentado no auditório do Ipea em Brasília (SBS, Quadra 1, Bloco J, Edifício BNDES, subsolo). Os técnicos de Planejamento e Pesquisa do Ipea Antenor Lopes e Gesmar Rosa farão a apresentação do comunicado. Durante a entrevista coletiva, transmitida on-line para todo o Brasil, jornalistas terão suas perguntas respondidas pelos pesquisadores.

Série Avira alerta sobre ataque aos usuários Paypal via phishing

DESPACHO/DECISÃO FL.118: "1. Expeça-se edital de intimação da parte executada para que, no prazo de 15(quinze) dias, promova o pagamento voluntário do valor da condenação, sob pena de incidir sobre este valor multa de 10%(dez por cento), nos termos do art. 475-J, do CPC, com prazo de 60 dias, conforme requerido à fl.117. 2. Após, intime-se a CEF para que promova a sua publicação, no prazo de 15(quinze) dias. Curitiba, 15 de setembro de 2010 - (a) Gisele Lemke - Juíza Federal."

Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) aprovou um investimento de R$ 3,5 bilhões para programas de geração de emprego e renda em 2011. Do novo recurso, R$ 2,6 bilhões serão destinados a programas como o Proger Urbano, FAT Fomentar e FAT Infraestrutura, que beneficiam diretamente os micro e pequenos empreendedores e incentivam a geração de empregos. Somando os R$ 3,5 bilhões às reaplicações dos financiamentos antigos, serão dispo-

Empresas&Produtos

em todo o seu espaço, visando a economia de bens não-renováveis e o bem-estar, não apenas dos frequentadores, mas da população em geral”.

Compromisso A preservação do meio ambiente é vista em diferentes setores: Iluminação, Água, Energia, Automação, telefonia – Informática, Mobiliário, Pintura Segundo o Presidente da Paraná Clínicas, Hamilton Leal Júnior, “As empresas hoje têm um compromisso com a soci-

edade na qual estão inseridas. Este é um compromisso como organização, em fazer ações e obras que sejam sustentáveis, do ponto de vista econômico, social e ambiental. Assim, acreditamos que todo investimento da empresa em infra-estrutura deve acompanhar este pensamento e foi assim que idealizamos a construção do nosso Centro Integrado de Medicina”, afirma. “Para os próximos projetos, manteremos este pensamento de sustentabilidade” finaliza.

A Avira, empresa de segurança digital representada no Brasil pela Nodes Tecnologia, alerta os usuários do Paypal sobre a utilização de phishing por parte de hackers que intencionam lesar os usuários de Internet.O ataque foi identificado nos últimos dias e sinaliza para a diversificação dos hackers no uso de vários idiomas para lograrem êxito em seus objetivos de lesar o usuário do tradicional serviço de pagamento pela Internet”Não temos visto um ataque de phishing executado simultaneamente em diferentes idiomas todos os dias, mas recentemente presenciamos um deles em Inglês e Francês, ao mesmo tempo”, conta Sorin Mustaca, especialista em segurança da Avira. “Desta vez, os cybercriminosos nem sequer se preocuparam em mudar alguma coisa no e-mail: O texto é traduzido, palavra por palavra. O chamado ‘Número de Referência é o mesmo. A única diferença é a maneira como o link para o site de phishing é apresentado e os links direcionam para sites falsos diferentes”, explica o especialista.O spam promove uma pressão sobre a possível vítima através de algum tipo de chamado de urgência, utilizando as construções clássicas como “este é o último lembrete para login” e assim por diante. Ambos os e-mails foram enviados por bots distribuídos por todo o mundo. “Gostaríamos de lembrar que não importa quão legítima a mensagem de e-mail possa parecer. O usuário nunca deve clicar no link oferecido nele”, adverte Mustaca. “Para se garantir contra este tipo de ameaça, além de não acreditar neste tipo de mensagem, é ter em seu PCX soluções antivírus atualizas e de qualidade e que possuam a funcionalidade AntiSpam ou WebGuard”, orienta.

Petrobras e TCU assinam Acordo de Cooperação A Petrobras e o Tribunal de Contas da União (TCU) assinaram nesta sexta-feira (18/02), na sede da Universidade Petrobras (UP), no Rio de Janeiro, um acordo de cooperação para realização de palestras e seminários voltados para os técnicos e auditores do TCU. O acordo tem por objetivo estimular o aperfeiçoamento mútuo das relações institucionais entre a Companhia e o Tribunal, além de contemplar aspectos técnicos e de negócio da empresa.Com carga horária prevista de 90 horas/aula presenciais, o programa de capacitação foi concebido em módulos que privilegiam o encadeamento lógico entre os temas apresentados ao longo de encontros periódicos, o que garante maior flexibilidade na sua realização. Temas como governança corporativa, arquitetura organizacional e processo decisório na Petrobras, bem como fundamentos de geologia do petróleo, engenharia de reservatórios e segurança, meio ambiente e saúde (SMS), entre outros, serão abordados durante o curso.Com atribuições semelhantes às da Universidade Petrobras, que se ocupa da educação corporativa dos empregados da Companhia, o Instituto Serzedello Corrêa é responsável pela seleção e formação de novos servidores do TCU e pelo treinamento e desenvolvimento profissional do corpo técnico do Tribunal.Estiveram presentes na solenidade os presidentes da Petrobras, José Sergio Gabrielli de Azevedo, e do Tribunal de Contas da União, Benjamin Zymler, além do gerente executivo de Recursos Humanos da Petrobras, Diego Hernandes, do gerente geral do RH/Universidade Petrobras, Ricardo Salomão, e do diretor geral do Instituto Serzedello Corrêa, Adriano Cesar Ferreira Amorim.

Kaspersky lança PURE Total Security A Kaspersky Lab, empresa líder no desenvolvimento de soluções de conteúdo seguro e de administração contra vírus, spywares e outros tipos de softwares maliciosos, apresenta hoje o novo produto da família de soluções para o usuário final Kaspersky PURE Total Security - que oferece um sistema exclusivo de administração centralizada para garantir a segurança de vários PCs a partir de um único computador. Disponível nos principais varejistas do Brasil e na loja online da empresa (http://brazil.kaspersky.com), o novo produto é baseado na tecnologia de segurança mundialmente reconhecida, proativa e antimalware da Kaspersky Lab. O Kaspersky PURE Total Security protege automaticamente os usuários contra todos os tipos de softwares maliciosos e conta com a avançada tecnologia em “nuvem” que, imediatamente, envia atualizações urgentes sobre as mais recentes ameaças da internet. Esse recurso é complementado pelo padrão de atualização realizado a cada hora, além da proteção proativa (heurística) que defende o PC contra ameaças ainda desconhecidas.


Opinião José Ricardo Roriz Coelho*

CONSUMO RECORDE DE PLÁSTICOS E O AVANÇO DAS IMPORTAÇÕES A indústria brasileira de transformação do plástico, integrada por 12 mil empresas e empregadora de 343 mil pessoas, deverá estabelecer um recorde em 2010: segundo é possível avaliar nos dados que estão sendo tabulados, o consumo interno de seus produtos deverá alcançar 5,7 milhões de toneladas. A estimativa é a de que o setor, que somente no primeiro semestre do ano passado, contratou 19 mil trabalhadores, tenha crescimento médio de 10% no presente exercício em relação a 2009, decorrente da expansão de 12% do segmento de laminados, 9% das embalagens e 8% dos demais itens. A recuperação observada em 2010, depois dos efeitos da crise mundial nos dois últimos anos, deverá consolidar-se em 2011, quando o mercado tem a expectativa de atingir novos recordes de produção, continuando sua expansão em 2012. Quanto às exportações, o volume deverá alcançar 330 mil toneladas em 2011, com um provável crescimento de 8% em 2012. Nos dois próximos anos, a América Latina deverá continuar sendo o principal destino de nossas vendas externas, representando entre 55% a 70% do total. A Argentina é a maior compradora. O segundo grande mercado deverá ser a União Européia. Os produtos exportados mais recorrentes continuarão sendo os filmes de BOPP e demais laminados plásticos. Quanto às importações, em 2010 o seu crescimento deverá situar-se acima de 30% em relação ao ano anterior. Em 2011, estima-se que a expansão das importações em relação a 2010 seja de 15%, e se a atual dificuldade cambial mantiver-se, combinada com o bom ritmo de crescimento do setor industrial, as compras externas em 2012 infelizmente ocuparão um espaço ainda maior da nossa demanda. Nos dois próximos anos, a China continuará sendo o maior exportador ao Brasil, seguida dos Estados Unidos. Os itens que nosso país mais compra no mercado externo são os laminados autoadesivos e os filmes para as mais variadas aplicações. Para que os números da produção, do consumo interno e das exportações sejam cada vez mais positivos e no sentido de que possamos reverter o preocupante quadro de crescimento das importações, é fundamental que o governo da presidente Dilma Rousseff e a nova legislatura federal, a serem empossados em 1º de janeiro, solucionem alguns gargalos estruturais, que vêm prejudicando bastante o setor do plástico e a indústria de transformação como um todo. A primeira e inadiável lição de casa é a reforma tributária, que não pode mais ser postergada. A elevada carga de impostos é a principal barreira para as empresas, independentemente de seu porte, por incidir de modo direto sobre os próprios investimentos e retirar recursos que poderiam ser aplicados em empreendimentos produtivos. Outro fator a ser considerado é a redução dos juros/spread, cujas taxas elavadíssimas aumentam os riscos econômicos do investimento, afetando-o por três vias: ao agravar as despesas financeiras, minando os recursos a serem investidos; ao inibir a demanda dos produtos industriais; e ao estimular a especulação financeira. Impostos e juros escorchantes são os ingredientes do terceiro grande obstáculo a ser solucionado, em especial para as pequenas e médias empresas, que constituem a maioria do parque industrial transformador do plástico em nosso país: a escassez de recursos próprios, carência ainda não sanada integralmente pelas linhas de crédito do BNDES, devido à dificuldade de acesso para estas empresas provocada pela burocracia intransponível, exigências e garantias exageradas. Além disso, diante da dificuldade de utilização dos fundos públicos garantidores, os bancos repassam recursos em valores inferiores aos demandados, a fim de diminuir riscos. A criação do Proplast pelo BNDES, os trabalhos desenvolvidos no âmbito da Política de Desenvolvimento Produtiva (PDP), lançada em 2008, pelo expresidente Luiz Inácio Lula da Silva, e a isonomia do IPI na cadeia produtiva prometem trazer uma grande avanço como ações necessárias para o aumento da competitividade do setor. É preciso, também, ampliar os sistemas de informação sobre linhas de apoio ao investimento e os fundos de recursos para inovação e P&D, cuja precariedade é bastante nociva, em especial para as pequenas empresas. Finalmente, será necessário adotar medidas eficazes para reverter o problema do câmbio sobrevalorizado. Assim, é fundamental que a presidente Dilma Rousseff dê prosseguimento aos entendimentos iniciados por Luiz Inácio Lula da Silva no recente encontro do G20. Caso a diplomacia não funcione, o governo brasileiro terá de adotar medidas unilaterais firmes para conter a valorização do real e garantir um mínimo de competitividade para a indústria nacional. Outro objetivo importante da indústria do plástico, assim como de todo o parque manufatureiro do Brasil, é dar continuidade às ações voltadas à preservação ambiental e reversão da tendência de aquecimento da Terra. Esse é um compromisso que transcende à agenda internacional e aos eventos multilaterais, como a Conferência do Clima do México (COP 16), em Cancun, de 29 de novembro a 10 de dezembro de 2010. É primordial o engajamento dos setores produtivos na busca pela produção mais limpa e no desenvolvimento de produtos cada vez mais compatíveis com os paradigmas da sustentabilidade. *José Ricardo Roriz Coelho é presidente da Associação Brasileira da Indústria de Plástico (Abiplast), da Vitopel e diretor titular do Departamento de Competitividade e Tecnologia da FIESP.

Justiça&Direito

Indústria&Comércio | Curitiba, quarta-feira, 02 de março de 2011 | A8

SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

PEC autoriza Congresso a sustar atos do Judiciário Legislativo poderá cumprir mandamento constitucional ao Judiciário

A

Câmara dos Deputa dos analisa a Propos ta de Emenda à Constituição 3/11 que garante ao Legislativo o direito de sustar atos normativos do Judiciário que vão além do poder regulamentar ou dos limites de delegação legislativa. A PEC amplia a possibilidade do Congresso sustar os atos considerados exorbitantes do Judiciário para o Legislativo. O autor da proposta, deputado Nazareno Fonteles (PT-PI), defende que a medida está de acordo com o inciso XI do artigo 49 da Constituição que diz que: “é da competência exclusiva do Congresso Nacional: XI zelar pela preservação de sua competência legislativa em face da atribuição normativa dos outros Poderes”. Segundo Fonteles, “como, na prática, o Legislativo poderá cumprir de

forma plena esse mandamento constitucional em relação ao Poder Judiciário? No nosso entendimento, há uma lacuna, que esta emenda visa preencher”. Para o deputado, o Judiciário interfere na área de atuação do Legislativo quando interpreta certas leis, porque algumas vezes acaba criando novas normas ou alterando o entendimento do Congresso Nacional em relação às normas aprovadas por deputados e senadores. O deputado exemplificou sua tese com o caso das liminares concedidas aos suplentes que devem tomar posse na Câmara quando o titular se licencia ou renuncia. Para o Supremo Tribunal Federal, a vaga deve ser ocupada pelo primeiro suplente do mesmo partido do titular. Para a Mesa da Câmara, no entanto, a vaga deve

ser preenchida pelo suplente da coligação partidária. A PEC terá sua admissibilidade analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Nessa fase, a CCJ examina se a proposta fere alguma cláusula pétrea da Constituição, se está redigida de acordo com a técnica correta e não fere prin-

cípios orçamentários. Se for aprovada, a proposta será encaminhada a uma comissão especial criada especificamente para analisá-la. Se for considerada inconstitucional, a proposta será arquivada, mas se aprovada, seguirá para o plenário da Câmara, onde será votada em dois turnos.

Tucanos pedem para assumir vagas na Câmara Três suplentes do PSDB recorreram ao Supremo Tribunal Federal, por meio de Mandado de Segurança, para tentarem assumir as vagas de deputados federais do partido que se licenciaram para assumir secretarias em seus estados. Gervásio José da Silva, de Santa Catarina, Carlos Roberto de Campos e Antonio Carlos Pannunzio, ambos de São Paulo, questionam a forma como o presidente da Câmara dos Deputados tem decidido convocar os su-

plentes. O relator do caso é o ministro Celso de Mello. Os tucanos paulistas sustentam que a mesa da casa chamou suplentes filiados ao Democratas, partido que integrou a mesma coligação do PSDB no pleito de 2010. Já Gervásio Silva afirma que a Câmara ainda não o convocou, apesar de ele ser o primeiro suplente do partido no estado de Santa Catarina. No pedido, os suplentes citam a decisão do Supremo no julgamento da liminar no MS 29.988, em dezembro do

ano passado. A corte determinou que, no caso concreto, fosse empossado o suplente do partido, e não da coligação, para a vaga deixada em razão da renúncia do titular. O trio também citou a Resolução do Tribunal Superior Eleitoral 22.580, que prevê que o mandato pertence ao partido político, e não ao candidato. De acordo com os argumentos apresentados, da norma do TSE se conclui que a vaga deixada em razão da renúncia ao mandato per-

DÍVIDA TRIBUTÁRIA

Ação penal não pode ser proposta se contribuinte parcelou dívida Além de reajustar o valor do salário mínimo para R$ 545, a Lei 12.382/11, sancionada na sexta-feira (25/2), também trouxe inovações no que se refere ao processo penal tributário. Agora, com a nova lei, o Ministério Público não pode propor ação penal se o contribuinte optou pelo parcelamento da dívida antes da apresentação da denúncia. O artigo 83 da Lei 9430/ 96, que dispõe sobre a legislação tributária federal, prevê que a representação fiscal para fins penais seria encaminhada ao MP depois de decisão final, na esfera admi-

nistrativa, sobre a exigência fiscal do crédito tributário correspondente. Porém, a lei que reajustou o salário mínimo substituiu o parágrafo único do artigo 83 por seis parágrafos. Dessa forma, de acordo com os parágrafos 1º e 2º, fica suspensa a pretensão punitiva do Estado referente a crimes contra a ordem tributária e contra a Previdência Social, durante o período em que a pessoa física ou jurídica estiver incluída no parcelamento, desde que a inclusão no programa de refinanciamento tenha sido formalizada antes do

recebimento da denúncia criminal. Já o parágrafo 4º diz que fica extinta a punibilidade dos crimes com o pagamento integral dos débitos parcelados do tributo, inclusive acessórios. As novas regras, porém, não se aplicam nas hipóteses de vedação legal de parcelamento. A lei também estabelece as diretrizes para a política de valorização do salário mínimo até 2015 e corresponde a variação do INPC e mais o PIB de dois anos anteriores. As novas regras entraram em vigor ontem e não têm efeito retroativo.

Presidente do TJ-MT toma posse e promete buscar pacificação interna O novo presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, Rubens de Oliveira, e os desembargadores Juvenal Pereira da Silva (vice-presidente) e Márcio Vidal (corregedor-geral da Justiça), tomaram posse, — biênio 2011/2013. Rubens de Oliveira destacou que alguns de seus objetivos são: a busca pela pacificação interna, pelo integral apoio dos magistrados e servidores na condução dos trabalhos à frente da Instituição e pela maior transparência, somados à firmeza e austeridade na condução de seu papel como gestor. “Nossas ações serão pau-

tadas na transparência e no trabalho. As metas estão colocadas e tudo que foi projetado no papel será implementado. Para isso, vamos convocar o corpo do Poder Judiciário, ou seja, desembargadores, juízes e servidores, e trabalhar. Temos que atender aos anseios da sociedade em relação à entrega da prestação jurisdicional e precisamos de força para atendê-los”. Segundo ele, a sociedade mato-grossense espera do Poder Judiciário um comportamento de austeridade, firmeza e respeito, aspectos que serão priorizados durante a sua

condução do Poder. Aos jornalistas, o desembargador presidente disse reconhecer a existência de uma recente crise no Judiciário Estadual e afirmou que trabalhará para resgatar a imagem da instituição perante a sociedade. “Vamos buscar a pacificação, primeiro dentro da nossa própria casa. Faço um apelo aos servidores para que reflitam, pensem e possam ombrear com a diretoria do TJ-MT em busca de soluções. Com muito trabalho vamos readquirir a paz interna e o respeito da sociedade”, salientou ele.

tence ao partido, “mesmo que tal partido tenha conquistado num regime eleitoral de coligação partidária”. Os suplentes pedem a concessão de liminar para que seja “imediatamente determinada sua convocação e poss’e. E, no mérito, que lhes seja assegurada a “prerrogativa de sempre ocupar a vaga aberta em decorrência de eventual licença seguida a ordem de suplência exclusivamente considerada a sua própria agremiação partidária”.

Advogados do PR aprovam processo eletrônico Setenta por cento dos advogados que atuam na Justiça do Trabalho do Paraná aprenderam com facilidade os procedimentos do processo eletrônico, implantados em agosto de 2009 e ampliados para todas as Varas do Trabalho de Curitiba em janeiro deste ano. Esse é um dos dados da enquete realizada com os usuários do Escritório Digital, ferramenta de acesso ao processo pela Internet. A pesquisa mostra o otimisto dos profissionais com o processo eletrônico. Para 78% deles o número de deslocamentos até o Fórum já diminuiu, e 63% afirmam que o trabalho ficou mais fácil (para 7%, não houve mudança). A força-tarefa preparada pelo Tribunal Regional do Trabalho para atender os advogados também foi aprovada: 36% consideraram o atendimento excelente e 45% consideraramno bom; 14% avaliaram como regular e somente 6% acham que o atendimento é insatisfatório. Quanto à estrutura oferecida, que inclui computadores, scanners e outros equipamentos, é excelente, segundo 20% dos usuários, e boa na opinião de 57%. Para 16% a estrutura é regular e 7% não ficaram satisfeitos.


Economia Curitiba, quarta-feira, 02 de março de 2011 | B1 | Indústria&Comércio

PERSPECTIVA

Crédito às empresas sofrerá com aperto monetário

“Desemprego de 2011 deve fechar no mesmo patamar que 2010” Valter Campanato/ABr

Indicador da Serasa recuou em janeiro, segunda queda seguida

O

Indicador Serasa Ex perian de Perspectiva do Crédito às Empresas recuou 0,4% em janeiro de 2011, a segunda queda mensal consecutiva deste indicador, atingindo o valor de 104,5. Como o indicador possui a propriedade de antever, num horizonte médio de seis meses, as oscilações cíclicas da concessão de crédito, o resultado do indicador em janeiro sinaliza que o

aperto monetário em vigor, o qual deverá ser aprofundado com novas elevações da taxa Selic, produzirá, ainda neste semestre, impactos restritivos sobre o crédito às empresas, a exemplo do que já vem ocorrendo com o crédito aos consumidores, desde dezembro.

CONSUMIDOR O Indicador Serasa Experian de Perspectiva do Crédito ao

Consumidor caiu 0,7% em janeiro de 2011, a décima queda mensal consecutiva, atingindo o valor de 99,5. Tal resultado sinaliza que o processo de desaceleração do crédito ao consumidor, iniciado em dezembro último, conforme mostraram as estatísticas oficiais, deverá prosseguir ao longo de todo o primeiro semestre de 2011. O ambiente de aperto monetário (elevações da taxa Selic,

aumento dos compulsórios e adoção de medidas macroprudenciais), combinado com um nível de endividamento mais elevado do consumidor, já começa a produzir uma evolução menos acelerada do crédito ao consumidor em 2011 (com recursos livres), comparativamente à expansão de quase 19% registrada no ano passado, observam os economistas da Serasa Experian.

PROGRAMA

Presidente Dilma anuncia reajuste médio de 19,4% para o benefício do Bolsa Família Luciana Lima

CUSTO

O benefício a ser pago pelo Programa Bolsa Família a partir deste mês terá reajuste médio de 19,4%, podendo chegar a até 45,5% para os valores pagos na faixa etária até 15 anos de idade. O reajuste foi anunciado nesta terça-feira (1/03), durante a visita da presidenta Dilma Rousseff ao município de Irecê, em pleno Sertão baiano. A presidenta participou da abertura de uma feira da economia organizada por produtoras rurais da região. “Vamos beneficiar quem tem mais filhos e maior dificuldade de enfrentar a vida e um nível de pobreza maior”, disse a presidenta. De acordo com dados do Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, 93% dos usuários do cartão são mulheres. O Bolsa Família foi reajustado pela última vez em setembro de 2009. A Bahia é estado com maior número de famílias beneficiadas pelo programa de distribui-

O reajuste previsto para o Programa Bolsa Família deste ano terá um custo de R$ 2,095 bilhões além dos R$ 13,4 bilhões previstos no Orçamento da União deste ano. Em nota, o Ministério do Planejamento informou que os recursos virão de reservas previstas na Lei Orçamentária Anual (LOA) e de redistribuição de recursos de outros órgãos. Um decreto de suplementação vai disponibilizar R$ 1,34 bilhão, sendo que R$ 1 bilhão estão previstos na LOA e o restante, R$ 340 milhões, serão remanejados internamente do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Um projeto de lei vai complementar os recursos, remanejando R$ 755 milhões da reserva de contingência. Segundo a nota, “o aumento do Bolsa Família não compromete a consolidação fiscal e a redução de despesas previstas para 2011, de R$ 50 bilhões, anunciados ontem (28/ 02)”.

Balança encerra fevereiro com superávit de US$ 1,199 bi Kelly Oliveira

O superávit comercial de fevereiro chegou a US$ 1,199 bilhão, informou nesta terça-feira (1º/03) o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. No mesmo mês de 2010, o superávit comercial foi de US$ 389 milhões. As exportações em fevereiro somaram US$ 16,733 bilhões, com média por dia útil de US$ 836,7 milhões. As importações chegaram a US$ 15,534 bilhões, com média diária de US$ 776,7 milhões. No primeiro bimestre do ano, com 41 dias úteis, o superávit da balança comercial chegou a US$ 1,622 bilhão, contra US$ 210 milhões registrados em igual período de 2010, com 38 dias úteis. De janeiro a fevereiro, as exportações alcançaram US$ 31,947 bilhões, com média diária de US$ 779,2 milhões, resultado 26% acima do verificado no mesmo período de 2010 (média diária de US$ 618,5 milhões).

A Bahia é estado com maior número de famílias beneficiadas pelo programa. Mais de 1,7 milhão de famílias baianas recebem a ajuda

ção de renda lançado no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Mais de 1,7 milhão de famílias baianas recebem o Bolsa Família. Em Irecê, mais de sete mil famílias são atendidas pelo programa. O segundo estado em número de beneficiados pelo programa é São Paulo, com 1,2 milhão de famílias. Minas Gerais vem

em terceiro lugar, com 1,1 milhão de famílias. O valor ajustado representa, em média, um aumento real de 8,7% acima da inflação do período de setembro de 2009 a março de 2011. Com isso, o benefício médio atual de R$ 96 subirá para R$ 115. Os valores a serem pagos vão variar de R$ 32 a R$ 242. Atualmente vão de R$ 22 a R$ 200.

PREÇOS

Inflação pelo IPC-S recua e fecha última semana do mês em 0,49% Vinicius Konchinski

A inflação mensal medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) ficou em 0,49% na pesquisa da última semana do mês de fevereiro. O percentual foi divulgado nesta terça-feira (1º/ 03) pela Fundação Getulio Vargas (FGV), responsável pelo cálculo do índice. A taxa é 0,12 ponto percentual menor do que a verificada na pesquisa da semana anterior. No levantamento da inflação feito até o último dia

22, o IPC-S foi de 0,61%. A queda da inflação deve-se principalmente à redução do ritmo do aumento de preços das despesas de transportes. Neste levantamento do IPC-S, o item transportes variou 1,16%. Isso é 0,60 ponto percentual a menos do que ele havia variado na semana passada (1,76%). Despesas de outros três itens que compõem o IPC-S também subiram menos do que no levantamento da semana passada: educação, leitura e recreação (de 1,16% para 0,44%), ali-

mentação (de 0,17% para 0,12%) e despesas diversas (de 1,51% para 1,49%). Em compensação, despesas de três itens tiveram uma taxa de aumento maior do que a verificada na semana anterior ou caíram menos: vestuário (de -0,65% para -0,17%), habitação (de 0,54% para 0,58%) e saúde e cuidados pessoais (de 0,40% para 0,41%). No ano, o IPC-S acumula variação de 1,77%. Já nos últimos 12 meses, a taxa é de 6,02%.

DECLARAÇÃO DE PROPÓSITO JEFFERSON NOGAROLI ENEZITO RUPPEL MARCELO BERNARDI DE ANDRADE MIGUEL FERNANDO SPACK PEDRO RICARDO SCHWINGEL WALDOMIRO FAVERO NETTO LUIZ CARLOS CALDAS CARLOS KENNEDY RIZZI LUIZ CARLOS BORGES DA SILVA JULIO CEZAR PACHECO AGNER RUBENS SCOSS ALLAN FORTI RUBIRA HERBERT MICHELIS VIRGILIO MOREIRA FILHO -

CIRG nº 3.536.431-5 SSP-PR e CPF/MF nº 511.980.619-87 CIRG nº 1.102.246-4 SSPPR e CPF/MF nº 081.113.759-72 CIRG nº 1.680.115-1 SSPPR e CPF/MF nº 482.917.659-87 CIRG nº 2.052.199 SSPPR e CPF/MF nº 404.660.279-15 CIRG nº 1.574.934 SSPPR e CPF/MF nº 225.323.409-59 CIRG nº 3.897.145-0 SSPPR e CPF/MF nº 634.252.629-04 CIRG nº 3.071.761-9 SSPPR e CPF/MF nº 478.844.959-53 CIRG nº 4.003.322-0 SSPPR e CPF/MF nº 603.843.879-34 CIRG nº 1.637.992 SSPPR e CPF/MF nº 221.963.159-15 RG nº 3.100.678-3 SSP/PR - CPF Nº 456.789.959-87 RG Nº 900.567 SSP/PR – CPF nº 005.976.279-91 RG Nº 852.121 SSP/SP – CPF nº 095.678.609-04 RG Nº 1.133.996 SSP/PR – CPF nº 244.244.719-34 RG Nº 1.304.068-0 SSP/PR – CPF nº 243.336.039-00

DECLARAM sua intenção de exercer cargos de administração na COOPERATIVA DE CRÉDITO DOS EMPRESÁRIOS DA GRANDE CURITIBA E CAMPOS GERAIS - SICOOB SUL e que preenchem as condições estabelecidas no art. 2º da Resolução 3.041, de 28 de novembro de 2002. ESCLARECEM que, nos termos da regulamentação em vigor, eventuais objeções à presente declaração devem ser comunicadas diretamente ao Banco Central do Brasil, no endereço abaixo, no prazo de quinze dias contados da data da publicação desta, por meio formal em que os autores estejam devidamente identificados, acompanhado da documentação comprobatória, observado que os declarantes podem, na forma da legislação em vigor, ter direito a vistas do processo respectivo. Banco Central do Brasil DEORF/GTCUR Av. Cândido de Abreu, 344 CENTRO CÍVICO CEP 80530-000 CURITIBA -PR Curitiba, 28/02/2011

“O Brasil está no caminho certo. Vamos crescer a 5% e gerar milhões de empregos se Deus quiser. Já tivemos 152 mil empregos em janeiro. Foi o segundo melhor resultado da história. Fevereiro está indo muito bem”, disse o ministro do Trabalho Vitor Abdala

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, disse nesta terçafeira (1º/03) que o Brasil deve fechar 2011 com uma taxa de desemprego semelhante à de 2010, quando o país registrou uma taxa média de 6,7%. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), janeiro deste ano teve uma taxa de 6,1%, abaixo dos 7,2% de janeiro de 2010. Lupi manteve a expectativa de que o país gerará 3 milhões de empregos neste ano, superando a marca de 2,5 milhões de postos criados em 2010. Na conta de Lupi, estão incluídos empregos no setor público e no setor privado.

Segundo o ministro, a redução do ritmo de crescimento econômico esperada para este ano não deve desaquecer o mercado de trabalho no país. “O Brasil está no caminho certo. Vamos crescer a 5% e gerar milhões de empregos se Deus quiser. Já tivemos 152 mil empregos em janeiro. Foi o segundo melhor resultado da história. Fevereiro está indo muito bem”, disse o ministro. O ministro do Trabalho participou nesta terça da inauguração de uma agência de microcrédito do Banco do Nordeste em São Gonçalo, na Grande Rio. A agência oferecerá créditos de R$ 1 mil para pequenos empreendedores locais.

Ministro da Agricultura se reúne com presidentes de câmaras setoriais temáticas Elza Fiúza/ABr

Ministro da Agricultura, Wagner Rossi (ao centro), durante reunião com os presidentes das câmaras setoriais Roberta Lopes

O ministro da Agricultura, Wagner Rossi, se reuniu nesta terça-feira (1º/03) com os presidentes de câmaras setoriais temáticas para tratar das demandas das cadeias produtivas. De acordo com o ministro, foram apresentadas várias sugestões que serão debatidas em reuniões realizadas separadamente com cada uma das câmaras. “As reivindicações ficaram para serem feitas nas reuniões individuais que terei com cada uma das câmaras. Eles apresentaram várias sugestões, mas como eram sugestões das mais variadas e de diversas cadeias produtivas eu preferi fazer uma reunião com cada uma delas”, informou. Ele disse ainda que houve um reconhecimento, por par-

te das câmaras, de que o governo está agindo em sintonia com as demandas dos setores produtivos. “Isso tem sido feito porque as câmaras setoriais permitem um diálogo interno na cadeia produtiva e depois as conclusões são levadas a nós alguns meses depois dessas reuniões.” Durante a reunião, o ministro anunciou para os próximos meses o lançamento de um sistema de apoio à pecuária nos moldes do que já existe para a agricultura. Entretanto, ele não deu detalhes de como isso será feito. As câmara setoriais temáticas reúnem 31 setores produtivos e têm por finalidade propor, apoiar e acompanhar ações para o desenvolvimento das atividades das cadeias produtivas do agronegócio brasileiro.


Negócios Indústria&Comércio | Curitiba, quarta-feira, 02 de março de 2011 | B8

INVESTIMENTO

Renova constrói o maior parque de energia eólica Energia anual corresponde ao consumo de cerca de 650 mil casas

A

Renova Energia lançou, no município de Gua nambi, a 796 KM de Salvador, a pedra fundamental de seu conjunto de parques eólicos comercializados no Leilão de Energia de Reserva - LER realizado em 2009. Na cerimônia estiveram presentes o vicegovernador do Estado em exercício, Otto Alencar, a chefe da Casa Civil estadual, Eva Chiavon, o superintendente da Secretaria Estadual de Indústria e Comercio, Paulo Guimarães, os prefeitos de Guanambi, Charles Fernandes, de Caetité, José Barreira e o de Igaporã, Newton Cotrim, entre outras autoridades. O empreendimento eólico é o primeiro em fase de instalação no sudoeste da Bahia. Durante a solenidade, o vice-governador ressaltou a importância do projeto da Renova para a Bahia e a posição de destaque do Estado na matriz energética brasileira. "A Bahia tem 15% do potencial energético eólico de todo o Brasil. No futuro, o estado pode ser

Os 14 parques da Renova Energia formarão o maior complexo eólico do Brasil. O inicio está previsto para 1º de julho de 2012.

o maior produtor do país", afirmou Otto Alencar. Uma vez em operação, os 14 parques da Renova Energia formarão o maior complexo eólico do Brasil. O inicio da operação comercial está previsto para 1º de julho de 2012. Os contratos de compra e venda de energia, formalizados pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), têm prazo de 20 anos. Os parques serão implantados nos municípios de Caeti-

té, Guanambi e Igaporã. O investimento previsto de R$1,17 bilhão atrairá para os municípios outros benefícios. "Além da produção de energia limpa, o investimento realizado certamente aquecerá a economia local. Em relação ao pequeno produtor rural, nosso modelo comercial prevê o arrendamento da terra, o que permite ao mesmo a continuação de suas atividades agropecuárias e sua fixação no campo", declarou o diretor de Operações e

co-presidente da Renova Energia, Renato Amaral. Inicialmente serão instalados 184 aerogeradores, cada uma com 80 metros de altura (o equivalente a um prédio com mais de 27 andares) e pás de 42 metros de extensão. A energia anual gerada pelo complexo que é de 1.100 GWh/ano (Gigawatt-hora por ano) - corresponde ao consumo de cerca de 650 mil residências. A estimativa é de que sejam gerados 2000 empregos diretos e indiretos durante o período de pico das obras. Os aerogeradores foram adquiridos pela GE e têm potência instalada 1,6 MW cada. As obras civis ficarão a cargo do consórcio Queiroz Galvão-Mercurius, e a montagem das linhas de transmissão será realizada pela ABB. A energia será escoada por uma Instalação Compartilhada de Geração - ICG a ser erguida pela Chesf. Em média, os projetos têm fator de capacidade da ordem de 48%, mas alguns chegam a ultrapassar 50%, número elevado para o setor.

Panduit anuncia Votorantim apoia programa de Canais projeto educacional Panduit apresenta, ao longo deste mês, as novas propostas de seu Programa de Canais 2011 para sua rede de PCIs (Panduit Certified Installer) Reconhecida no mercado pelas estratégias e benefícios bem definidos para os canais, com as novas propostas do Programa, a Panduit pretende incentivar os PCIs a serem reconhecidos pelos clientes como agentes de mudança, por conta da melhoria contínua do nível de serviço oferecido. Isso se dará por meio de maior capacitação técnica, comercial e pessoal, ferramentas e processos, além do fortalecimento das alianças com parceiros da companhia."Uma das metas principais da Panduit para a América Latina em 2011 é estabelecer mecanismos que facilitem as relações comerciais entre os canais de integração e a companhia, E são ações dirigidas a este objetivo que integram o novo programa", diz Alex Cornetta, representante da Panduit no Brasil.O programa de canais da empre-

sa ainda possui as categorias Gold, Silver e Partner, de acordo com o nível de comprometimento e especialização do canal e o número de profissionais certificados.A novidade em 2011 é que os PCIs Gold e Silver passam a ter direito a um incentivo por compras anuais (rebate) a partir de um valor menor e, além disso, a Panduit simplificou o processo de cálculo e pagamento. Quanto ao rebate por especificação, a novidade é que o canal obtém um aumento de incentivo quando, além especificar a oportunidade de projeto, também é responsável pela implantação. Em termos de treinamento, o curso de certificação foi reformulado, reforçando a parte prática de instalação e fornecendo aos participantes amostras e ferramentas que serão utilizadas no seu dia a dia. Outro destaque do programa são os incentivos dados aos arquitetos, consultores, construtoras e empresas de engenharia (ACEs) que especificarem soluções Panduit em seus projetos por meio de um PCI autorizado.

A Organização Ciranda, em parceria com Votorantim Cimentos e com o Instituto Votorantim, lança o projeto de educomunicação "Luz Camera, Paz" no dia 1 de março na escola Colégio Zacarias Cardoso de Cristo em Rio Branco do Sul. O objetivo é apresentar à comunidade o projeto que prevê a aplicação de técnicas de comunicação no aprendizado afim de despertar a participação, protagonismo e a troca de experiências entre os alunos das escolas públicas da cidade.A aplicação do projeto conta com oficinas de aprendizado com os alunos utilizando ferramentas da comunicação, como a produção de vídeos através de cameras tradicionais e celulares e o compartilhamento de conteúdo na internet. O objetivo é que o dinamisco e a interatividade das atividades redusa a evasão dos alunos nas escolas públicas e aumente o interesse e comprometimento dos estudantes.A ideia é que os participantes conheçam e reconheçam seus direitos e deveres,

bem como dos principios e tecnicas da comunicação comunitária. O evento de lançamento do projeto acontece dia 1 de março na escola pública Zacarias Cardoso de Cristo às 14 horas e é aberto a toda a comunidade. Estarão presentes representantes da Votorantim Cimentos e da prefeitura de Rio Branco do Sul.A Educomunicação é uma metodologia pedagógica que propõe o uso de recursos tecnológicos modernos e técnicas da comunicação na aprendizagem. Trata-se do encontro da educação com a comunicação, multimídia, colaborativa e interdisciplinar. O uso de rádio escolar, rádio virtual, videogames, softwares de aprendizagem online, podcasts, blogs, fotografia, projetos de entrevistas e reportagens executadas pelos estudantes são alguns dos exemplos da aplicação da metodologia. A prática educativa, possui em comum a promoção do protagonismo infanto juvenil e a horizontalidade da comunicação.

Empresas lançam menor Wireless do BR A Unicoba, empresa que atua no mercado de tecnologia há mais de 35 anos, e a TPLink, fabricante líder no mercado asiático de soluções para redes residenciais e escritórios de pequeno e médio porte, lançam o Print Server Wireless TL-WPS510U. Compatível com a maioria das impressoras disponíveis no mercado, o dispositivo tem como função compartilhar uma impressora para vários computadores, sem a necessidade de conectá-la em um único com-

putador. Como diferencial, ele utiliza a tecnologia wireless para se comunicar com o roteador ou ponto de acesso, permitindo assim que a impressora seja instalada em qualquer lugar do ambiente de uso. Entre seus principais recursos, o servidor de impressão possui suporte aos protocolos DHCP e UPnP, protocolos de segurança para a rede sem fios WEP, WPA e WPA2, gerenciamento por interface WEB eutilitário de instalação para sistemas Windows. Ainda, ele suporta a tec-

nologia Wireless Site Survey, que torna a conexão à rede sem fio ainda mais fácil. O dispositivo permite também a troca de sua antena para aumentar a potência do sinal wireless, caso seja necessário. O dispositivo utiliza porta USB 2.0 de alta velocidade para comunicação com a impressora e possui suporte aos protocolos LPD/LPR para uso da porta de impressão TCP/IP. Além disso, ele possui as certificações CE e FCC, o que garante a máxima economia de

energia para o usuário.O Print Server Wireless TL-WPS510U da TP-LINK oferece também uma porta de rede Fast-Ethernet para conexão cabeada à rede de computadores, caso não haja ponto de acesso sem fios disponível no ambiente. O aparelho é compatível com os principais sistemas operacionais do mercado, como Windows 2000 / XP / 2003 / Vista, Mac OS X 10 ou acima, Linux e Windows 7 e pode ser encontrado nas principais lojas do país.

TAM investe US$ 3,2 bi em aeronaves A TAM Linhas Aéreas anunciou hoje que realizou a encomenda de 32 aeronaves da Família Airbus A320 e de dois Boeing 777-300ER. Os aviões serão utilizados para a renovação e a expansão da frota da companhia, fortalecendo suas operações tanto no mercado doméstico quanto no internacional. Dessa forma, a empresa se prepara para atender à crescente demanda por viagens aéreas, mantendo o nível elevado dos serviços ofereci-

CMYK

dos aos clientes.O montante destes novos pedidos, baseado em valores de lista, é de aproximadamente US$ 3,2 bilhões. Das 32 aeronaves encomendadas à Airbus, 22 são do novo modelo A320neo e dez da Família A320. Os aviões desse novo pedido serão entregues entre 2016 e 2018. A escolha do motor será anunciada pela companhia aérea posteriormente.A TAM é o primeiro cliente da América Latina - e um dos primeiros do

mundo - dos A320neo. A novidade da Airbus incorpora motores mais eficientes e um componente aerodinâmico posicionado na extremidade livre de cada asa, chamado Sharklet. Essas inovações proporcionam economia significativa de combustível de até 15%, o que representa até 3,6 mil toneladas de dióxido de carbono (CO2) anuais por aeronave. Além disso, o A320neo oferece redução de dois dígitos em

emissão de Óxidos de Nitrogênio (NOx) e reduz consideravelmente o ruído do motor. A estrutura do novo avião terá mais de 95% em comum com os atuais produtos da linha, porém oferece até 950 km a mais de alcance ou duas toneladas mais de carga útil.Com cabine espaçosa e capacidade para transportar 362 passageiros em três classes de serviço, o B777300ER é um dos mais eficientes aviões comerciais de dois motores do mundo.

Empresas&Produtos A OnSet, empresa de serviços e consultoria de TIC (Tecnologia da Informação e Comunicação), anuncia que Argemiro Leite é seu novo presidente. Executivo com 35 anos de experiência no mercado de TI, atuou até janeiro de 2010 como CIO da Johnson & Johnson, empresa onde ingressou em 1975. Mais do que liderar a área de TI da empresa no Brasil, Leite – cujo último cargo na J&J foi IT Director, Global Services – foi responsável por transformar esta equipe em uma grande exportadora de serviços, atendendo usuários da J&J em todo o mundo. Leite trabalhou fortemente para fazer da comunidade local de TI um polo de exportação de serviços e geração de negócios. A meta do executivo é, até o final de 2011, aumentar em 70% o faturamento da OnSet.

Shopping Estação tem horário especial no feriado de Carnaval No feriado de Carnaval, o Shopping Estação passa a funcionar em horário especial. Quem vai curtir os dias de folia em Curitiba vai encontrar lojas, praça de alimentação e o lazer abertos em horário normal no sábado (05) e no domingo (06). Na segunda (07) e na terça (08), as lojas estarão fechadas e a praça de alimentação e lazer abertos das 11h ás 22h. Já na quarta-feira de cinzas (09), as lojas abrem meio-dia e fecham às 22h e a praça de alimentação e as outras atividades de lazer do shopping funcionam das 11h às 22h.

Presidente da Petrobras é eleito Executivo de Petróleo do Ano O presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli de Azevedo, foi considerado o Executivo de Petróleo do Ano de 2011, pela Energy Intelligence, reconhecido serviço de informações sobre a indústria de energia. Gabrielli foi escolhido entre os líderes das 100 maiores companhias petrolíferas do mundo.Segundo o presidente da Energy Intelligence, Thomas Wallins, a escolha reflete o sucesso do executivo em liderar a Petrobras em período de grande crescimento, com destaque para as descobertas na região do pré-sal - as mais importantes da última década-, o exitoso processo de capitalização em 2010 e o segundo maior valor de mercado entre as empresas de petróleo.A Energy Intelligence ressalta, ainda, que sob a gestão de Gabrielli, a Petrobras realizou as descobertas que devem mais que dobrar as reservas e a produção da empresa nos próximos anos, além de ter se posicionado como líder em tecnologia para exploração e produção em águas profundas, com um dos mais altos padrões de segurança e eficiência do setor.A cerimônia de premiação será realizada em 10 de outubro, durante a 32ª conferência anual Oil&Money, em Londres.

DBM promove workshop sobre Empreendedorismo As consultorias ACTA e DBM Sul promovem na próxima quinta-feira (03) Painel sobre Empreendedorismo. O evento debaterá temas ligados ao empreendedorismo e trará informação para aqueles que desejam montar um negócio próprio como opção dcarreira. O workshop faz parte do programa de apoio aos executivos desenvolvido pela DBM, consultoria especializada em transição de carreira com atuação em mais de 85 países. O encontro será coordenado pela psicóloga, consultora de carreira e diretora da Acta Carreira, Transição e Talento e da DBM Sul, Carla Virmond Mello, sendo direcionado àqueles que buscam informações precisas sobre como planejar, desenvolver, manter e ter sucesso com seu negócio. O empresário curitibano proprietário do Vininha Delivery, Rodrigo Miranda, contará a sua experiência em abrir um empreendimento especializado em mini-sanduíches.

Hestia cria fan page no Facebook A Hestia, empresa do mercado imobiliário com atuação no Paraná e em Santa Catarina, reforçou os investimentos nas redes sociais e conta com uma fan page para a construtora (Hestia Construções e Empreendimentos) e para a importadora (Hestia Import) no canal sensação do momento, o Facebook. Diferente do perfil, a ferramenta conta com fãs, em vez de amigos, e possibilita a visualização de dicas, fotos e vídeos no perfil particular dos participantes, que podem trocar informações e acompanhar as novidades sobre as empresas.O site da Hestia Import (www.hestiaimport.com.br) também ganhou uma ferramenta de comentários integrada à rede social. O comentário fica armazenado na página do produto no site, no perfil do participante inscrito no Facebook e na fan page da importadora. "Agora todos os clientes podem avaliar, comentar ou tirar dúvidas sobre os produtos em tempo real. Isto vai nos auxiliar a aprimorar os materiais e serviços, além de consolidar nossa marca em uma das redes que mais cresce no país e no mundo", diz o diretorpresidente da Hestia, Gustavo Selig.

IBM Brasil anuncia novo time de consultores A IBM Brasil reforça seu time de consultores em TI com a chegada de novos profissionais especializados em duas áreas distintas de competência: governança & gerenciamento de serviços e arquitetura para transformação e otimização de infraestrutura. O time faz parte de um novo modelo global de consultoria em TI da IBM, já implementado em diversos países, porém pela primeira vez na América Latina. Os profissionais terão o desafio de alinhar os objetivos e requisitos dos negócios à TI, atuando com base em métodos consultivos e no desenvolvimento de soluções customizadas para cada cliente.O novo time de consultores e arquitetos terá o objetivo de estabelecer estratégias de TI, desenvolver e implementar modelos de governança de TI, desenvolver e otimizar infraestrutura de tecnologia e identificar e solucionar problemas complexos relacionados à infraestrutura e governança de TI. Para liderar este time foi designado o executivo Marco Guedelha, profissional com mais de 18 anos de experiência em consultoria, que estará à frente das estratégias e arquitetura de TI. Antes de assumir esta posição, o executivo passou por diversas posições na IBM relacionadas a consultoria, serviços e vendas. Também foi diretor de consultoria na PWC. O time conta com consultores e arquitetos seniores.


02-03-11 Indústria&Comércio