Page 1

RELATÓRIO PLANTE BONITO

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

Relatório Técnico de Restauração Florestal Parque Ecológico Rio Formoso Plantios e Monitoramentos

Bonito/MS

Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

O presente documento utiliza a fonte ecológica Sprang Eco Sans e margens estreitas para economia de papel, visando assim otimização para impressão econômica


RELATÓRIO PLANTE BONITO

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

SUMÁRIO

1. Instituto das Águas da Serra da Bodoquena - IASB...........................03 2. Programa Plante Bonito ....................................................................03 3. Patrocinadores...................................................................................04 4. Caracterização da área de plantio.....................................................05 5. Plantios..............................................................................................07 6. Monitoramentos.................................................................................09

Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

2


PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

RELATÓRIO PLANTE BONITO

1. Instituto das Águas da Serra da Bodoquena - IASB

O Instituto das Águas da Serra da Bodoquena (IASB) é uma organização não governamental sem fins lucrativos, fundada em 12 de dezembro de 2002, por pessoas com formação e experiências variadas na área rural e ambiental. Tem como missão: “gerir os recursos naturais de forma participativa e sustentável, visando recuperar, conservar e proteger os solos, matas, rios e a biodiversidade da região da Serra da Bodoquena, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida”. O IASB implanta projetos nas áreas de recuperação e Educação Ambiental, buscando incentivar a conservação da natureza e proteção dos recursos naturais. Em 2007 criou o programa de mobilização para o plantio de mudas, denominado “Plante Bonito”. Para saber mais sobre o IASB consulte: www.iasb.org.br

2.Programa Plante Bonito O Plante Bonito é um programa pioneiro de recuperação das matas nativas da Serra da Bodoquena, onde as mudas utilizadas nos plantios são patrocinadas por empresas de diversos ramos e, também por pessoas físicas e escolas. A parceria promovida pelo Plante Bonito entre a sociedade civil organizada, a iniciativa privada, proprietários de terra e a comunidade estudantil está possibilitando o reflorestamento de áreas desmatadas da região, principalmente matas ciliares, buscando a conservação dos recursos hídricos e, consequentemente, a manutenção da biodiversidade. Em ação desde 2007, além dos benefícios à natureza, o Programa tem proporcionados resultados impressionantes, melhorando o conceito que as empresas participantes têm no mercado e na opinião pública. Seus clientes sabem que estão contribuindo, ainda que indiretamente, com a conservação dos recursos naturais do município de Bonito e região. Outro aspecto positivo do programa é a promoção de ações educativas com os estudantes e com colaboradores interessados, pois ao envolvê-los nos plantios são transmitidas atitudes ambientalmente corretas, sensibilizando-os para cooperar com a manutenção e conservação do lugar onde vivemos. Desta forma, o Plante Bonito coloca-se como um dos mais amplos programas participativos do Instituto das Águas da Serra da Bodoquena (IASB) para recuperação de áreas privadas, visando à conservação dos recursos hídricos e da biodiversidade. Para saber mais sobre o Programa Plante Bonito, consulte: http://www.iasb.org.br/plante_bonito.php www.plantebonito.blogspot.com Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

3


RELATÓRIO PLANTE BONITO

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

3.Patrocinadores Através do apoio de empresas ambientalmente responsáveis foi possível promover a recuperação florestal de uma área de 1,0 ha de mata ciliar, pertencente à microbacia do rio Formoso. Estas empresas demonstram que seu comprometimento com a natureza não é apenas um discurso em moda, por isso patrocinaram mudas de árvores nativas para tornar possível esta ação. Juntas, as empresas e pessoas físicas relacionadas abaixo promoveram o plantio de 759 mudas em uma propriedade rural, localizada no município de Bonito/MS, cuja atividade econômica se baseia no turismo e na pecuária. EMPRESAS ? Abismo Anhumas ? Agência Águas Turismo ? Agência Ar ? Agência Big Tour ? Agência Volans Tour (LTN Brasil – CGR) ? Agência Ygarapé ? Associação Bonitense de Hotelaria (ABH) ? Associação de Atrativos Turísticos de Bonito e Região (ATRATUR) ? Bionucleo ? Bonito Aventura ? Bonito Convention & Visitors Bureau ? Bonito Scuba ? Buraco das Araras ? Casa do João ? Centro de Convenções de Bonito ? Ecofoco – Consultoria Inteligente em Meio Ambiente ? Estância Mimosa Ecoturismo ? Hotel Pousada Águas de Bonito ? Hotel Bonsai PESSOAS FÍSICAS ? Hotel La Paloma ? Hotel Pirá Miuna Alex Mendonça Porto ? Hotel Zagaia Éderson Aivi ? Hotel Wetiga Matias Katila ? Ilha do Padre Paloma Teixeira Rodrigues ? Jandiá Hotel Suzana Katila ? Lobo Guará Bike Adventure Fabiane Daniel Ortis ? Local Comunicação e Marketing Cristhian Moreira ? Marruá Hotel José Sabino ? Mercado Rebu Jean Ricardo Bezerro do Nascimento ? Pousada Casa Verde Janaina Ferreira Porto ? Pousada Olho D'Água Lucélia Nobre Carvalho ? Projeto Jibóia Sônia Buck ? Rádio Bonito FM Elizabeth Spinelli de Oliveira ? Rio da Prata Ecoturismo Julio Cezar Rodrigues Fontenelle ? Rota Boiadeira Fabrício Fagundes Pereira ? Sanduicheria Lima Limão ? Supermercado Santos ? Taboa Bar ? VisaNet Filial Campo Grande

Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

4


RELATÓRIO PLANTE BONITO

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

4. CARACTERIZAÇÃO DA ÁREA DE PLANTIO A área de plantio está inserida no atrativo turístico Parque Ecológico Rio Formoso, uma fazenda localizada na rodovia Bonito - Guia Lopes da Laguna, Km7, no município de Bonito/MS às margens do rio Formoso (Figuras 1 e 2).

Figura 1 - Mapa urbano de Bonito - localização da fazenda (em verde)

Figura 2 - Imagem aérea da área de plantio (mata ciliar - rio Formoso Bonito/MS)

Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

5


PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

RELATÓRIO PLANTE BONITO

Com um área total de 1.150 ha, a fazenda tem como principais atividades econômicas a pecuária e, mais recentemente (em torno de 10 anos), o turismo. Além do rio Formoso, de indiscutível beleza cênica (Foto 1), a propriedade tem como chamariz para o turismo uma lagoa artificial, formada pelas águas do rio, numa área que antigamente foi explorada para retirada de terra, cujo destino era aterrar a estrada, hoje rodovia, que passa ao lado da propriedade (Foto 2). Como a fonte de renda principal da fazenda era a pecuária, muitas áreas de pastagens foram abertas provocando uma diminuição expressiva da vegetação local. Além disso, a vegetação foi substituída pela braquiária, que hoje tomou conta de diversos trechos da fazenda, inclusive, nas áreas de mata ciliar (Foto 3). Com o objetivo de auxiliar na recuperação florestal não só do rio Formoso, mas também da área ciliar ao redor da lagoa, foi selecionada uma área de plantio com aproximadamente 1,0 hectare entre os dois cursos d’água (Foto 4). A área em questão é de fácil acesso podendo ser visualizada da rodovia (Foto 5). Apresenta moitas antigas de braquiária, formando touceiras altas, além de algumas árvores nativas juvenis (Foto 6).

Foto 1 - Rio Formoso

Foto 2 - Lagoa artificial

Foto 3 - Trecho com 3 metros de mata ciliar (observe ao lado esquerdo da foto a presença da braquiária)

Foto 4 - Área de plantio (à esquerda, a lagoa; à direita, o rio Formoso)

Foto 5 - Vista da área pela rodovia

Foto 6 - Aspecto da área, com destaque para a braquiária

Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

6


RELATÓRIO PLANTE BONITO

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

5. Plantios O plantio de mudas no Programa Plante Bonito é projetado levando em conta critérios de máxima diversidade de espécies e respeitando as características do ecossistema local, visando recuperar a vegetação nativa da área ao mais próximo possível de sua condição original. Assim, devido à alta densidade de braquiária na área selecionada, foram programados plantios adensados visando acelerar o processo de recuperação. Até o momento, a área já recebeu dois plantios, onde o primeiro totalizou 406 mudas e o segundo, 353. Por se tratar de uma área de grande extensão, serão necessários muitos outros plantios para atender a demanda de recuperação da fazenda. Para receber ambos os plantios foi necessário realizar dias antes atividades essenciais, como: roçada, capina de seleção, abertura e coroamento de covas. Nesta fase de preparação, a equipe do IASB contou com o apoio indispensável da Brigada de Incêndios do ICMBio - Parque Nacional da Serra da Bodoquena (Fotos 7 e 8).

Fotos 7 e 8- Preparo da área para os plantios

5.1 Plantio - setembro de 2009 O primeiro plantio foi realizado no dia 21 de setembro em comemoração ao Dia da Árvore durante o evento denominado Empresários em Ação. Por ocasião do evento, também foram distribuídas mudas de árvores na praça central da cidade (Fotos 9 e 10) Ao todo foram plantadas 406 mudas nativas, divididas em 21 espécies de diferentes estágios sucessionais (pioneiras, secundárias e clímax - Tabela 1). O plantio contou com a participação de empresários locais, integrantes da Guarda Municipal Ambiental Mirim, Brigada de Incêndio, turistas, funcionários de empresas patrocinadoras e técnicos do IASB (Foto 11). Devido o tempo seco, a Brigada de Incêndio, com o auxílio de uma moto bomba, realizou a irrigação das mudas (Fotos 12 e 13). Todas as mudas receberam estacas para facilitar sua visualização no campo. Inclusive, as mudas selecionadas para monitoramento (30%) receberam estacas com a ponta pintada de branco, diferenciando-as das outras (Foto 14). Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

7


RELATÓRIO PLANTE BONITO

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

Tabela 1 - Espécies utilizadas no plantio Nome popular

Nº. de exemplares plantados

Pororoca

40

Aguaí

40

Embaúba

40

Jatobá-mirim

30

Figueira

30

Maria-preta

20

Cedro

10

Tarumã

10

Pitomba

10

Laranjinha

10

Ingá

10

Mangaba

10

Ipê-roxo

15

Amendoim-bravo

20

Manduvi

20

Jacarandá

20

Angico

20

Cabrito

15

Seputá

10

Para-tudo

10

Cumbaru

10

Fotos 9 e 10- Distribuição de mudas na praça central da cidade

Foto 11- Plantio de mudas

Foto 12- Turistas colaboraram com o plantio

Foto 13Irrigação das mudas com o auxílio da moto bomba Foto 14- Estacas brancas para posterior monitoramento Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

8


RELATÓRIO PLANTE BONITO

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

5.2 Plantio - dezembro de 2009 O segundo plantio foi realizado nos dias 4 e 8 de dezembro com 353 mudas nativas de 17 espécies variadas (Tabela 2). Este plantio foi feito com mudas patrocinadas por empresas que apóiam mensalmente o Programa Plante Bonito e por empresas que neutralizaram a emissão de Co2 de suas atividades no período de 1 ano. O plantio foi feito com o apoio da Brigada de Incêndios do ICMBio - Parque Nacional da Serra da Bodoquena dando sequência ao plantio de setembro (Foto 15). Apenas as mudas selecionadas para monitoramento receberam estacas. Considerando a ocorrência de mortalidade das mudas por diversos fatores, como pisoteio por animais, ataque por formigas, influência do clima, dentre outros, foram plantadas 33 mudas a mais do total patrocinado. Tabela 2 - Espécies utilizadas no plantio Nome popular

Nº. de exemplares plantados

Embaúba

98

Mutambo

2

Pitomba

17

Figueira

27

Caroba

47

Jaracatiá

47

Maria-preta

12

Aguaí

37

Jenipapo

7

Cedro

7

Além disso, no total de mudas plantadas, também foi considerada a antecipação dos plantios patrocinados mensalmente pelas empresas Hotel Pousada Águas de Bonito e Agência Águas Turismo. Visando aproveitar o período chuvoso e o apoio dos brigadistas foi promovido o plantio das mudas referentes aos meses de dezembro de 2009 e janeiro a junho de 2010. Foto 15 Aspecto geral da área

6. Monitoramentos Ingá

10

Ingá

17

Cebolão

12

Seputá

12

Tarumã

17

Jatobá-mirim

17

Piúva

7

Paineira

17

Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

O monitoramento será realizado a cada seis meses, num período de dois anos a partir da data de cada plantio, onde as mudas escolhidas aleatoriamente na área terão sua altura e diâmetro medidos e anotados. Este monitoramento é feito em 30% do total de mudas plantadas. Nos primeiros relatórios de monitoramento apenas constavam informações sobre a altura e diâmetro das mudas, mas, a partir de fevereiro de 2010, os relatórios passaram a descrever a área, inserindo fotos das mudas. www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

9


RELATÓRIO PLANTE BONITO

Nº. da Estaca 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

1º Monitoramento: 21 e 23 de setembro de 2009 Nome popular da árvore Altura do caule (cm) Diâmetro do caule (mm) Pororoca 36,5 6 Ingá 47 5 Pororoca 41 5 Jatobá - mirim 13,5 2 Ingá 35 4 Cabrito 17 3 Cabrito 6 2 Maria Preta 32 3 Pororoca 22 4 Angico 7 1 Angico 5,5 1 Embaúba 31 4 Para – tudo 6 2 Maria Preta 27 4 Ipê - roxo 13 2 Embaúba 45 5 Ingá 32 3 Manduvi 3 1 Cedro 31 5 Ipê – roxo 10 2 Embaúba 41 4 Jacarandá 21 2 Manduvi 6 1 Ingá 17 2 Pitomba 17 1 Manduvi 8 2 Manduvi 7 3 Seputá 8 2 Cabrito 8 1 Ipê – roxo 9 1 Pororoca 30 6 Ipê – roxo 10 1 Cabrito 14 1 Ingá 33 3 Jacarandá 23 2 Cabrito 23 3 Para - tudo 6 2 Embaúba 41 3 Para – tudo 17 3 Jacarandá 21 3 Para – tudo 7 2 Jatobá – mirim 10 1 Jacarandá 19 2 Manduvi 6 1 Embaúba 41 4 Pororoca 32 4 Pororoca 32 4 Angico 6 1 Jacarandá 23 3 Angico 4 1 Maria Preta 33 2 Maria Preta 33 2 Ipê – roxo 14 1 Maria Preta 43 5 Cabrito 20 5 Manduvi 32 7

Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

10


RELATÓRIO PLANTE BONITO

Nº da Estaca 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53

A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A A

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

2º Monitoramento: 07 e 08 de dezembro de 2009 Nome popular da Altura do caule Diâmetro do caule árvore (cm) (mm) Jaracatiá 36 06 Aguaí 06 04 Embaúba 35 04 Pitomba 27 05 Jaracatiá 40 07 Tarumã 08 05 Tarumã 26 04 Embaúba 34 05 Embaúba 35 04 Aguaí 07 03 NI 05 03 Seputá 08 03 Embaúba 36 05 Embaúba 29 05 Aguaí 08 04 Aguaí 15 06 Aguaí 12 04 Embaúba 25 06 Seputá 19 07 Tarumã 26 04 Embaúba 38 05 Seputá 28 04 Embaúba 38 07 Seputá 08 04 Figueira 25 05 Embaúba 49 08 Jaracatiá 40 06 Embaúba 38 07 Pitomba 12 04 Figueira 23 08 Jaracatiá 58 08 Aguai 13 08 Jaracatiá 44 06 Embaúba 41 08 NI 46 06 Embaúba 35 07 Embaúba 29 06 Embaúba 43 05 NI 42 07 Jaracatiá 52 08 Jaracatiá 42 09 Pitomba 25 07 Embaúba 27 07 Jaracatiá 46 08 Caroba 10 03 NI 14 07 Embaúba 38 05 Tarumã 21 04 Pitomba 12 04 Pitomba 27 05 Pitomba 23 08 Caroba 18 05

Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

11


RELATÓRIO PLANTE BONITO

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

3º Monitoramento: 20 de dezembro de 2010 A vistoria do plantio realizado no Parque Ecológico Rio Formoso foi feita via observação visual. Na ocasião foram conferidas todas as mudas plantadas na área, visando quantificar as mudas mortas. Além disso, buscou-se medir as mudas com maior e menor porte para identificação da espécie mais adaptada ao local.

Técnica do IASB realizando a vistoria na área em recuperação

Das 800 (oitocentas) mudas plantadas, 54 (cinqüenta e quatro) foram encontradas mortas. Observou-se que algumas destas mudas foram “cortadas”. Acredita-se que isto ocorreu durante a limpeza da área. Como o capim braquiária estava muito adensado, a equipe de manutenção, formada pelos funcionários do atrativo, teve dificuldades de visualizar as mudas. Outro fator que justifica a mortalidade destas mudas é a predação por animais silvestres. De acordo com os funcionários do local, é comum avistarem capivaras freqüentando a área. Em relação às mudas sobreviventes, verificou-se um tímido crescimento das mesmas. Algumas apresentam perda foliar, estando em processo de rebrota. Outras estagnaram seu crescimento, como se estivessem em estado de dormência. Essa é uma característica que vem sendo observada em mudas plantadas em outras áreas, o que pode indicar um processo de adaptação ao local.

Muda apresentando rebrota

Espécies como a Embaúba, Figueira, Manduvi, Piúva, Caroba e Pororoca encontram-se com uma altura que as destaca das demais, onde a mais alta está com 60 cm. Já espécies como o Seputá, Jatobá-mirim, Ingá, Jaracatiá e Cedro apresentam praticamente a mesma altura de quando foram plantados, variando em torno de 10 cm.

Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

12


RELATÓRIO PLANTE BONITO

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO

Aspecto das espécies que apresentam maior desenvolvimento

Aspecto das mudas com desenvolvimento estagnado

Durante a vistoria foi observado um grande número de mudas de Mamona colonizando a área em recuperação. Este fato deverá receber mais atenção nas próximas vistorias, visando avaliar os efeitos desta espécie exótica sobre as mudas de espécies nativas.

Aspecto geral da área em recuperação Instituto das Águas da Serra da Bodoquena

www.iasb.org.br

iasb@iasb.org.br

67 3255-1920

13

Relatorio_Parque_Ecologico_Rio_Formoso  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you