Issuu on Google+

PUB

AGÊNCIA COMERCIAL PICO • 28721006

hojemacau MOP$10

PUB

Ter para ler

DIRECTOR CARLOS MORAIS JOSÉ • QUARTA-FEIRA 13 DE JULHO DE 2011 • ANO X • Nº 2409

TEMPO TROVOADA MIN 25 MAX 29 HUMIDADE 75-95% • CÂMBIOS EURO 11.2 BAHT 0.3 YUAN 1.2

Expo Xangai 2010

Mudança nas relações com Macau

• PÁGINA 6

• PÁGINA 4

CARLOS COUTO GANHA MAIS UM PRÉMIO PELO PAVILHÃO DE CORTIÇA

GABINETES DE TAIWAN SAEM DA ESCURIDÃO

UNESCO garante que incumprimentos de Macau podem tirá-lo da lista

A queda do Farol da Guia

Quando o património cultural de Macau foi inscrito na UNESCO, em 2005, a exigência era clara: tratar bem os monumentos. A sempre adiada Lei da Salvaguarda do Património tem dificultado a tarefa de preservação da zona tampão, especialmente na área do Farol da Guia, e ontem a UNESCO afirmou ao Hoje Macau que há um risco real do território ser retirado da lista. Há uma série de incumprimentos. > PÁGINAS 10 E 11

Guangdong quer quebrar política do filho único A província aqui ao lado já enviou um pedido a Pequim para tornar-se uma espécie de teste na mudança da política do filho único. Guangdong quer que as suas famílias sejam autorizadas a ter pelo menos dois filhos e acredita que o impacto na população geral não será notada. >Página 2

Espaços públicos

FISCAIS DO IACM AGREDIDOS EM CAMPO • PÁGINA 7


QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

2

ACTUAL Cantão pede autorização a Pequim para mudar política do filho único

Guangdong quer mais filhos AVIAÇÃO INVESTIMENTO DE MILHÕES O Governo Central vai investir 232.000 milhões de dólares na aviação civil nos próximos cinco anos, avançou a publicação económica “Shanghai Securities News”. Segundo o director da Administração de Aviação Civil da China, Li Jiaxiang, o Conselho de Estado chinês emitirá, ainda este ano, novas directrizes para o desenvolvimento dos sectores informáticos de hardware e software para a indústria da aviação. O Governo do continente prevê ainda mais investimento nas infra-estruturas aeroportuárias, subsídios ao transporte aéreo regional, e apoio à investigação e desenvolvimento dos fabricantes nacionais de aviões. “Devemos construir duas ou três companhias aéreas nacionais de alta qualidade e o Governo ajudará”, disse Li Jiaxiang, segundo a publicação. RESERVAS MAIS DE 3 MIL MILHÕES EM JUNHO As reservas da China em divisas atingiram quase 3,2 biliões de dólares em Junho, um resultado do controlo do yuan exercido por Pequim nos mercados cambiais, apesar dos pedidos para uma maior flexibilidade. As reservas crescem à medida que Pequim compra moeda estrangeira para conter a pressão ascendente sobre a taxa de câmbio do yuan, devido ao afluxo das receitas de exportação e de investimento. Washington e outros parceiros comerciais queixam-se do controlo do governo chinês, argumentando que estas medidas estão a contribuir para aumentar o superávit comercial da China em biliões de dólares, dificultando uma recuperação global. As reservas subiram 30,3% para 3,197.5 biliões de dólares até ao final de Junho, adiantou o banco central num relatório trimestral divulgado ontem. O aumento foi de 157 biliões de dólares nos últimos três meses.

A província mais populosa da China quer que o Governo Central autorize uma alteração à lei do filho único, implementada em 1979 para conter a explosão demográfica

Q

UER ser a primeira província a fazê-lo e por isso mesmo Guangdong já pediu autorização ao Governo Central para alterar a lei do filho único, em vigor em todo o país desde há 32 anos. Se receber luz verde, Guangdong seria a primeira província chinesa com uma legislação diferente nessa área e ajudaria a aliviar a lotação nas maternidades de Hong Kong, onde muitas

mulheres da província vizinha vão dar a um segundo filho sem serem penalizadas por isso. Há cada vez mais pressão sobre Pequim para que reveja a política do filho único. Muitos economistas receiam que o forte crescimento económico actual chinês venha a perder força num futuro próximo devido ao envelhecimento da população e o desequilíbrio da pirâmide, com mais velhos do que jovens. Além disso, o sistema de segurança social não irá aguentar pagar mais aos reformados e pensionistas do que aquilo que arrecada com a mão-de-obra activa. Desde 2009, algumas províncias autorizaram casais que vivem nas grandes cidades a avançarem para um segundo filho caso o pai e a mãe da criança sejam filhos únicos. Numa entrevista publicada no jornal “Nanfang Daily”, o chefe da divisão de Planeamento Familiar de Guangdong, Zhang Feng, confirmou que o pe-

dido formal já foi enviado a Pequim, com o intuito de transformar a província num projecto piloto. Caso lá os resultados fossem positivos, as demais divisões territoriais poderiam seguir pelo mesmo caminho faseadamente. “Permitir que mais casais em Guangdong

APENAS 20% DOS COBERTORES DAS COMPANHIAS AÉREAS CHINESAS SÃO LAVADOS

Cobertores re-utilizados O

S passageiros das companhias aéreas chinesas podem pensar agora duas vezes antes de se cobrirem com um cobertor durante o seu próximo voo. Uma investigação do jornal “Beijing Times” revelou que cerca de 80% dos cobertores não descartáveis que são utilizados numa das maiores companhias aéreas da China são reutilizados sem quaisquer medidas de desinfecção. Uma fonte da Commodity Airline Yingtailong revelou que a maioria dos cobertores dos aviões não é lavada antes de ser reutilizada. Repórteres do jornal visitaram uma lavandaria responsável pela limpeza do material das companhias aéreas e constataram que em apenas 400 metros quadrados da fábrica, apenas três máquinas de lavar roupa estavam a funcionar,

sendo que estavam presentes apenas cerca de 30 trabalhadores. Todos os dias a empresa recebe cerca de 3000 cobertores de companhias aéreas, e são cerca de 500 a 600 os que são realmente lavados. Os trabalhadores verificam os cobertores e somente aqueles que aparentem manchas visíveis são lavados, apesar da companhia aérea ter um contrato para limpar todos. Quando questionados sobre o porquê de nem todos os cobertores serem lavados, um trabalhador explicou que “havendo apenas três máquinas, nem todos podem ser lavados. A companhia aérea, que não foi nomeada no relatório, lançou uma investigação para investigar o trabalho da empresa de serviço.

tenham uma família maior terá um impacto muito pequeno no crescimento geral da população chinesa”, sustenta o responsável. No ano passado, Guangdong chegou aos 104 milhões de habitantes, ultrapassando Henan como a província mais populosa

da China. A Academia Real de Ciências Sociais de Cantão aprova a ideia. “Este é o primeiro de muitos passos para aliviar o controlo de natalidade. Acreditamos que será possível que todas as famílias tenham pelo menos dois filhos em 2020”, prevêem. A mudança também traria vantagens significativas a Hong Kong. Pelo menos nas maternidades. O número de mulheres de Guangdong que se dirigem à antiga colónia britânica para dar a luz começaram a subir de forma galopante em 2006, sem nunca mais cair. Para o académico Peng Peng, Pequim não deverá aceder ao pedido, já que a autorização alteraria profundamente uma política há muito assente. “É ainda muito raro ver famílias a conseguirem sustentar um segundo filho devido aos elevados custos de vida na China. Se Pequim alterar essa política, terá também de avançar para subsídios para as famílias”, afirmou.

ADOLESCENTE HOSPITALIZADA DEPOIS DE PACTO DE SUICÍDIO ENTRE ESTUDANTES

Morte em grupo por causa da escola O

ITO alunos do Conservatório da China fizeram um pacto de suicídio após serem expulsos pela escola, depois que não conseguirem passar em mais de um terço dos exames finais do passado semestre. A notícia avançada pelo jornal “Beijing Times” relata que uma das estudantes terá tomado calmantes em excesso para se matar, mas foi descoberta a tempo de ser enviada para o hospital, onde recebeu tratamento de emergência. A menina contou entretanto aos pais que ela e outros sete estudantes teriam estabelecido

uma data para cometerem suicídio em grupo no domingo. No domingo à noite, outros três dos sete estudantes foram também encontrados e levados para casa, mas ainda falta descobrir os restantes alunos. De acordo com as regras do estabelecimento de ensino, se os estudantes não forem aprovados em mais de um terço de todos os testes finais, são “avisados” pela escola para sair. Os pais destes oito alunos apresentaram uma carta conjunta à instituição pedindo clemência depois de tomar conhecimento da política.


Pressinto que estamos (Portugal) num fundão maior do que aqueles onde eu mergulhava na pesca à toca no verão da minha meninice. É que esse meu divertimento era individual e eu entrava e saía da água quando me apetecia. Agora, à beira de irmos ao fundo não dependemos apenas de nós para voltar à tona. Necessitamos do apoio dos bombeiros para nos salvarmos. Correia Marques, P. 15

O

intercâmbio de professores e alunos para o ensino do português e chinês e um curso conjunto fazem parte dos termos do protocolo definidos na segunda-feira pelo presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP), Sobrinho Teixeira, e uma comitiva da delegação da Universidade de Pequim, em Zhuhai. A delegação da principal universidade chinesa, com 20 mil alunos, fica numa zona económica exclusiva próxima de Macau e vai receber já em Setembro o primeiro professor português disponibilizado pelo Instituto Politécnico de Bragança (IPB), presidido também por Sobrinho Teixeira. O docente vai iniciar uma disciplina de português que começará por ser opcional e que, dentro de dois anos, passará a licenciatura de

QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

3

Cooperação académica abre mercado chinês a estudantes portugueses

Mais intercâmbio na calha

Estudantes dos politécnicos portugueses poderão ter porta aberta para o mercado de trabalho chinês, nas áreas de gestão e engenharias, a partir da cooperação entre instituições académicas dos dois países oficializada em Bragança língua portuguesa. O presidente do CCISP pretende envolver os politécnicos no projecto pelo número, ainda não determinado, de professores que serão necessários, e de alunos que vão “rodar” entre as duas instituições para adquirirem mais conhecimentos no terreno. Os portugueses vão também ter a oportunidade de aprender chinês num curso intensivo que a universidade de Zhuhai vai ministrar ao longo de três

verões em Portugal e que terá continuidade, durante um ano, na China, período que inclui dois meses de prática numa empresa. Este curso está aberto a interessados de qualquer área do saber e confere um diploma reconhecido “em todo o mundo”, como sublinhou o presidente do CCISP. “Numa situação de cada vez mais competitividade e em que nós temos obrigação de olhar pelos nossos alunos, eu penso que esta é uma

oportunidade muito grande, nomeadamente aqui para os alunos do politécnico de Bragança”, considerou. Outra novidade deste protocolo serão dois cursos, em áreas ainda em estudo, com dupla titulação divididos dois anos por cada estabelecimento de ensino/país e que confere um duplo reconhecimento académico. “Um diploma de curso da mesma área em português e chinês constitui também uma oportunidade

imensa não só para uma empregabilidade na China, a segunda potencia económica mundial, mas numa série de empresas”, afirmou. A expectativa é corroborada por Ellen Fu, da delegação da Universidade de Pequim em Zhuhai, que acredita que “os estudantes portugueses poderão ter oportunidades futuras de emprego na China”, nomeadamente nas áreas dos “negócios, gestão e engenharias”.

A aposta económica nos países de língua portuguesa tem contribuído para a procura crescente do português, mas a China tem estudantes em mais de 20 países, disse a responsável pela delegação da principal universidade chinesa, que tem acordos com 60 congéneres estrangeiras, no âmbito de uma política nacional que encoraja os futuros quadros a “terem uma visão global e experiência além-fronteiras”.

PEQUIM INICIA PROJECTO PARA EXPLORAR LUA, VÉNUS E MARTE

Chineses à descoberta do espaço À

A MALDIÇÃO DA CARNE DE PORCO

Dois vendedores do mercado de Shenyang, na província de Liaoning, esperarm – um sentado e outro a dormir – por alguém que lhes compre a carne de porco. O aumento em mais de 50% no preço está a afectar duramente o sector. As expectativas, contudo, são de que até ao fim de Agosto os preços fiquem mais acessíveis, devido às medias do Governo Central para travar a inflação.

medida que os EUA diminuem as suas iniciativas espaciais, muitos começam a crer que os chineses, devido ao seu assombroso crescimento económico e tecnológico, podem alcançar a posição de líderes da exploração espacial, batendo os EUA, que desde o fim da corrida armamentista é o país dominante do espaço sideral. De acordo com a Associated Press, a China está a intensificar as suas aspirações de explorar a Lua, Vénus e Marte. Um veículo rover deve ser enviado à Lua até 2013, seguido de um astronauta em 2020. “Aliderança que uma nação mantém no espaço é altamente simbólica, pois demonstra ao planeta o poderio tecnológico, militar e a influência internacional exercidas por um país sobre restante do globo. Um declínio na liderança espacial será visto como símbolo de um declínio do poder e da influência dos EUA”, disse Scott Pace, um administrador da NASA durante a administração Bush e defensor para o envio de astronautas americanos de volta à Lua. Alguns funcionários norte-americanos estão preocupados com a possibilidade da China militarizar o espaço, já que as iniciativas ocorridas no espaço são executadas pelo exército nacional. Refutando a ideia

de militarização do espaço por parte da China, Li Longchen, ex-editor da Space Probe Magazine, disse: “A tecnologia espacial pode ser aplicada tanto para uso civil como para uso militar, A China não tem por objectivo enfatizar os fins militares. Os chineses esperam lançar uma estação espacial em 2020, o ano em que a Estação Espacial Internacional está marcada para fechar. Caso o plano chinês realmente ocorra, a China será, em 2020, a única nação com os seres humanos no espaço. A China enviou o seu primeiro astronauta ao espaço em 2003, 40

anos depois dos Estados Unidos e a Rússia. O plano chinês é começar com a Lua para depois explorar Marte e Vénus.

CHINA CONSIDERA QUE A INTERNET É MAIS CENSURADA NO OCIDENTE

As autoridades chinesas consideram que os países ocidentais censuram mais a Internet do que no seu país. A ideia foi deixada por Zang Jiebin, presidente do município de Xiamen, que afirmou que os cidadãos chineses têm sorte em viver num país que fomenta a liberdade na Internet e que não exerce uma censura tão forte como o faz o Ocidente. “Nos países ocidentais, a supervisão e a gestão da ideologia e dos novos média é mais estrita do que a nossa”, afirmou. E deu como exemplo a Alemanha, referindo que neste país os cidadãos comuns têm dificuldade em usar a Internet devido à burocracia governamental e aos elevados custos. Depois destas declarações sucederam-se as reacções dos internautas chineses, que entre outros comentários, alertaram o político para o facto de estar a confundir a Alemanha com a Coreia do Norte. Na China o acesso a sites como o Facebook, o Twitter ou o YouTube foi proibido, com a justificação de poderem pôr em causa a segurança nacional.


QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

4

Gabinetes de Taipé em Macau e Hong Kong funcionam às claras

Rodrigo de Matos info@hojemacau.com.mo

O

POLÍTICA

S gabinetes representantes efectivos de Taiwan nas duas Regiões Administrativas Especiais (RAE) chinesas – Macau e Hong Kong – vão sair da toca e passar a funcionar oficialmente, depois de quase 45 anos a operar de forma praticamente incógnita. Especialistas consideram a medida um passo histórico e o quebrar do gelo nas relações entre Pequim e Taipé. A funcionar em Hong Kong sob a designação de Chung Hwa Travel Service desde a Revolução Cultural chinesa de 1966, o gabinete vinha sendo frequentemente confundido ao longo dos tempos com uma agência de viagens privada devido a esse nome, lembra James Shi Chu, director-geral taiwanês das Relações com Hong Kong e Macau, citado pela CNN. A partir da próxima sexta-feira, o novo gabinete será actualizado e rebaptizado como Gabinete de Relações Económicas e Culturais de Taipé, um título indicativo das suas verdadeiras funções, afirma Chu. Devido à designação enganadora, os esforços do gabinete em Hong Kong para melhorar as relações económicas e culturais têm sido “minado”, conforme explica Chu: “Em Taiwan, o rebaptizar da Chung Hwa Travel Service tem sido uma espécie de barómetro para avaliar as relações entre Hong Kong e Taiwan”. As relações actualmente são consideradas “extremamente próximas”, afirma Chu, tanto na economia como no turismo. Em 2010, 31 mil voos permitiram a mais de três milhões de pessoas de ambos os lados a visitarem-se mutuamente para negócios ou lazer.

Taiwan sai da sombra

De acordo com Chu, Taipé não manteve contactos, quer formais quer informais, com Pequim durante o processo de actualização do gabinete económico e cultural em Hong Kong ou Macau. “Ao longo dos últimos oito meses, negociámos directamente apenas com as autoridades de Hong Kong. Não tivemos discussões sobre esta matéria com Pequim”, afirmou o responsável. “Mas não ficaria surpreendido que o Governo de Hong Kong tivesse consultado Pequim para estas negociações.” No entanto, Pequim, através do seu porta-voz Yang Yi, saudou o anúncio da medida, assinalado como um marco na ampliação das relações através do Estreito de Taiwan. “Este é um passo notável no desenvolvimento dos contac-

tos Taiwan-Hong Kong-Macau. É também uma grande conquista nas relações entre os quatro distritos através do Estreito”, disse Yang em entrevista ao Channel NewsAsia. A decisão de atribuir uma nova designação ao organismo de representação taiwanesa em Hong Kong demonstra um reaquecer das relações entre Pequim e Taipé, também na opinião de Joseph Cheng, professor de Ciências Políticas na Universidade da Cidade de Hong Kong. E embora Taiwan tenha mantido sempre ligações a Hong Kong, lembra Cheng, o Governo local “não se atrevia a fazer nada com Taiwan sem o período de aprovação formal por Pequim”. Os contactos entre a República Popular da China e a República

da China (designação oficial de Taiwan) – ilha auto-proclamada independente – têm sido historicamente pautados pela instabilidade e uma comunicação diplomática limitada. A China considera Taiwan uma província separatista desde a guerra civil de 1940. Mas as relações começaram a melhorar logo após a eleição em 2008 do actual Presidente de Taiwan, Ma Ying-jeou. Mesmo sendo o líder do partido Kuomintang (KMT) – que perdeu o controlo da China Continental para o Partido Comunista Chinês durante a guerra civil em 1949 – as suas políticas têm sido significativamente amigáveis em relação a Pequim, desde que foi eleito.

ECONOMIA PALPITANTE

Hoje em dia, Taiwan é o quarto

parceiro económico de Hong Kong, com um montante total de transacções que ascende a mais de 35 mil milhões de dólares (276 mil milhões de patacas), de acordo com o Governo de Hong Kong. A China Continental mantém-se como o principal parceiro de Hong Kong, com 400 mil milhões de dólares (3,2 biliões de patacas) – quase metade de toda a actividade comercial da RAE. Chu avançou que o Executivo de Taiwan aprovou também o pedido de Hong Kong para abrir um gabinete económico e cultural equivalente em Taipé. O novo gabinete irá operar de forma semelhante aos gabinetes económicos de Hong Kong na China Continental, facilitando “o comércio entre Hong Kong e Taiwan, a promoção do investimento e o fomento do intercâmbio cultural entre os dois lugares”, argumentou o Governo de Hong Kong, em comunicado. O professor Danny Gittings, da Universidade de Hong Kong considera que o anúncio constitui um passo significativo em direcção à normalização das relações entre China, Taiwan, Hong Kong e Macau. “Isto certamente não tem precedentes, pois Hong Kong nunca teve um escritório em Taiwan”, disse Gittings, director da Faculdade de Ciências Humanas e Direito. “Não se podia sequer imaginar uma coisa destas antes de as relações se terem tornado muito mais calorosas.”

PUB

MANDADO DE NOTIFICAÇÃO N.º 260/AI/2011

AVISO CONCURSO PÚBLICO N.º 30/P/2011

Faz-se público que, por despacho do Ex.mo Senhor Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, de 29 de Junho de 2011, se encontra aberto o Concurso Público para «Prestação de Serviços de Manutenção aos Sistemas de Ar-Condicionado Instalados nas Dezasseis (16) Subunidades dos Serviços de Saúde», cujo Programa do Concurso e o Caderno de Encargos encontram à disposição dos interessados desde o dia 13 de Julho de 2011, todos os dias úteis, das 9,00 às 13,00 horas e das 14,30 às 17,30 horas, na Divisão de Aprovisionamento e Economato sita na Cave 1 do Centro Hospitalar Conde de S. Januário, onde serão prestados esclarecimentos relativos ao concurso, estando os interessados sujeitos ao pagamento do custo das respectivas fotocópias ou ainda mediante a transferência gratuita de ficheiros pela internet no website dos S.S. (www.ssm.gov.mo). Os concorrentes deverão comparecer na sala “Museu” situada no r/c do Edifício da Administração dos Serviços de Saúde junto do CHCSJ no dia 20 de Julho de 2011 às 10,30 horas para uma reunião de esclarecimentos ou dúvidas referentes ao presente concurso público seguida duma visita aos locais a que se destinam a respectiva prestação de serviços.

As propostas serão entregues na Secção de Expediente Geral destes Serviços, situada no r/c do Centro Hospitalar Conde de São Januário e o respectivo prazo de entrega das propostas termina às 17,45 horas do dia 9 de Agosto de 2011. O acto público deste concurso terá lugar no dia 10 de Agosto de 2011, pelas 10,00 horas, na sala do «Museu» situada no r/c do Edifício da Administração dos Serviços de Saúde junto do C.H.C.S.J. A admissão a concurso depende da prestação de uma caução provisória no valor de $140 000,00 (cento e quarenta mil patacas) a favor dos Serviços de Saúde, mediante depósito, em numerário ou em cheque, na Secção de Tesouraria destes Serviços ou através da Garantia Bancária/ Seguro-Caução de valor equivalente. Serviços de Saúde, aos 5 de Julho de 2011 O Director dos Serviços, Lei Chin Ion

-----Atendendo à gravidade para o interesse público e não sendo possível proceder à respectiva notificação pessoal, pelo presente notifique-se a infractora NGUYEN THI QUY que, na sequência dos Autos de Notícia n.ºs 29/DI-AI/2010 e 29.1/DI-AI/2010, de 22.08.2010, levantados pela DST e por despacho do signatário de 06.07.2011, exarado no Relatório n.º 276/DI/2011, de 17.06.2011, foi desencadeado procedimento sancionatório, com vista ao seu alojamento na fracção autónoma situada na Rua de Malaca, Edifício Centro Internacional de Macau, Bloco 8, 6º andar B e utilizada para a prestação ilegal de alojamento.-----------------------------------------------------------------------------------------------------------No mesmo despacho foi determinado, que deve, no prazo de 10 dias, contado a partir da presente publicação, apresentar, querendo, a sua defesa por escrito sobre as matérias constantes daqueles Autos de Notícia, oferecendo nessa altura todos os meios de prova admitidos em direito. Nos termos do n.º 2 do artigo 14.º da Lei n.º 3/2010 não é admitida apresentação de defesa ou de provas fora do prazo.-----------------------------------A matéria constante daquele Auto de Notícia, constitui infracção ao artigo 2.º da Lei n.º 3/2010, que dispõe: “a actividade de prestação de alojamento ao público, sem possuir a licença para exploração de estabelecimentos hoteleiros, em prédio ou fracção autónoma não destinado a fins de actividade hoteleira e similar, cujo ocupante é não residente da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM), ao qual não foi concedida autorização especial de permanência ou autorização de permanência de trabalhador não residente”. Tal facto é punível nos termos no n.º 1 do artigo 10.º da Lei n.º 3/2010 - : “Quem prestar ilegalmente alojamento ou controlar por qualquer forma prédio ou fracção autónoma utilizado para a prestação ilegal de alojamento é punido com multa de 200.000,00 a 800.000,00 patacas”.-------------------------------------------------------------O processo administrativo pode ser consultado, dentro das horas normais de expediente, no Departamento de Licenciamento e Inspecção desta Direcção de Serviços.-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Direcção dos Serviços de Turismo, em Macau, aos 6 de Julho de 2011. O Director dos Serviços, João Manuel Costa Antunes


MAIS PESSOAS À PROCURA DE EMPREGO

Os últimos dados revelam uma histórica baixa no desemprego. Contudo, a Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais (DSAL) divulgou ontem que 3467 candidatos inscreveram-se nos pedidos de emprego, o que correspondeu a um aumento de 783 candidatos face ao 1.º trimestre (+29%). De acordo com a DSAL, as principais razões apresentadas pelos candidatos foram o “despedimento” e o “termo do contrato”, representando cerca de 58% do total de candidatos inscritos, seguindo-se a “mudança de ambiente de trabalho”, com 27%. Os que “acabaram de chegar a Macau” representaram 7% e os que “procuram o 1.º emprego” eram 5%, enquanto as “outras razões” representaram 3%.

Gonçalo Lobo Pinheiro glp@hojemacau.com.mo

O

deputado da Assembleia Legislativa (AL) Ho Ion Sang está preocupado com aquilo que os jovens possam fazer nas férias de Verão. Numa interpelação escrita ao Governo, Ho Ion Sang quer medidas claras por parte do Executivo contra possíveis condutas desviantes dos jovens. O primeiro trimestre deste ano revelou que a delinquência juvenil tinha aumentado quase 86% em relação ao período homólogo de 2010. Muitas foram as notícias sobre a detenção de jovens suspeitos de roubo de veículos e prática de tráfico de droga. Ho Ion Sang mostra-se preocupado com o avanço da delinquência juvenil e acredita que em tempo de férias as coisas podem piorar. “Trata-se de um problema que merece uma profunda ponderação”, pode ler-se no documento entregue ao Executivo. PUB

FÉRIAS DE VERÃO PREOCUPAM HO ION SANG

As drogas e as armadilhas No combate ao flagelo da droga, o deputado pede ao Governo para “aproveitar o apoio das associações e das escolas, no sentido do aumento da oferta de instalações para a prática de actividades culturais, desportivas e de lazer”. Outra questão que sugere preocupação, segundo Ho Ion Sang, é o trabalho nas férias de Verão. Para o deputado, o Executivo liderado por Fernando Chui Sai On “deve reforçar os trabalhos de sensibilização junto dos jovens sobre a Lei das Relações de Trabalho”. Ho acha que os jovens da RAEM não estão suficientemente cientes dos deveres e direitos do trabalhador e quais as suas garantias. “Tipologias de contrato, normas de contratação de trabalhadores com idades

compreendidas entre os 16 e 18 anos são coisas que os jovens não sabem”, afirmou. O deputado defende que a Administração deve sensibilizar naquilo que denomina de “armadilhas de trabalho”

pois os jovens “fornecem muitos e detalhados dados pessoais e das suas famílias, que podem vir a ser vendidos ou até utilizados por terceiros para fins ilegais, prejudicando-os”.

QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

5

GOVERNO REVÊ AUMENTO DE SUBSÍDIOS EM CASO DE NECESSIDADE

Tudo com muita calma. José Chu, director dos Serviços de Administração e Função Pública (SAPF), respondeu à interpelação do deputado da Assembleia Legislativa (AL) José Pereira Coutinho sobre a revisão de todos os subsídios da função pública. Para Chu, o Governo tem realizado as actualizações dos subsídios de um modo faseado e conforme as necessidades reais. “Foram efectuadas, este ano, a actualização do índice remuneratório e a implementação do novo regime do prémio de antiguidade e dos subsídios de residência e de família”, pode ler-se na resposta do director dos SAPF. Pereira Coutinho considerou que “o Governo, de uma forma premeditada esqueceu de actualizar os subsídios de funeral, nascimento e casamento” e deixou em vigor regimes que datam de 1989. Para o deputado é premente que sejam actualizados todos os subsídios, sob pena da não correcta aplicação do novo diploma legal. “Tudo passa pela lógica transparente da reforma legislativa”, atirou Pereira Coutinho. O deputado referiu que com estas políticas “ninguém consegue perceber porque uns subsídios são actualizados e outros são ignorados e esquecidos”. José Chu, algo evasivo, referiu na resposta ao deputado que o Governo “irá, de acordo com as necessidades, promover diversas medidas de curto e longo prazo que visem beneficiar a vida dos cidadãos, aliviando os encargos da população em geral e dos trabalhadores dos serviços públicos”. – G.L.P.


QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

6 O Pavilhão de Portugal da Expo Xangai 2010 arrecadou mais um prémio. Carlos Couto, arquitecto responsável pela obra e residente de Macau, admite que o sucesso já começou a abrir portas e a expectativa é ir além-fronteiras

SOCIEDADE Carlos Couto vence prémio Construir 2011

“Ter participado na Expo abriu-me internacionalmente”

Filipa Queiroz

filipa.queiroz@hojemacau.com.mo

D

IZ que foi o projecto que mais prazer lhe deu a fazer nos últimos 20 anos. Carlos Couto foi novamente distinguido pela criação do Pavilhão de Portugal para a Expo 2010. A obra arrecadou o prémio Construir 2011, do jornal português Construir,

para o Melhor Projecto Público. “É sempre agradável e um estímulo receber um galardão que premeie o PUB

Concurso Público Prestação de serviços de limpeza nas instalações desportivas do Instituto do Desporto situadas em Macau Anúncio 1. Entidade promotora: Instituto do Desporto. 2. Modalidade do concurso: concurso público. 3. Local de trabalho: instalações desportivas situadas em Macau. 4. Objecto: prestação de serviços de limpeza nas instalações desportivas situadas em Macau, pelo prazo de dois anos. 5. Prazo de validade das propostas: o prazo de validade das propostas é de noventa dias, a contar da data do acto público do concurso, prorrogável nos termos previstos no programa do concurso. 6. Tipo de empreitada: a empreitada é por preço global. 7. Caução provisória: setenta e dois mil patacas ($ 72 000,00), a prestar mediante depósito em numerário, por garantia bancária jurídica ou seguro-caução aprovado nos termos legais. 8. Caução Definitiva: 5% do preço total de adjudicação. 9. Preço básico: não há. 10. Condições de admissão: serão admitidos como concorrentes as entidades inscritas na Direcção dos Serviços de Finanças e/ou Conservatória dos Registos Comercial e Bens Móveis da Região Administrativa Especial de Macau para a exploração da actividade referida no presente Concurso. 11. Local, data e hora limite para entrega das propostas: Local: Av. do Dr. Rodrigo Rodrigues, s/n, Fórum de Macau, Bloco 1, 4.º andar, Macau, Instituto do Desporto. Data e hora limite: dia 10 de Agosto de 2011, quarta-feira, até às 12,00 horas. 12. Local, data e hora do acto público do concurso: Local: Av. do Dr. Rodrigo Rodrigues, s/n, Fórum de Macau, Bloco 1, 4.º andar, Macau, Instituto do Desporto. Data e hora: dia 11 de Agosto de 2011, quinta-feira, pelas 9,30 horas. 13. Local, data, hora e preço da cópia e exame do processo: Local: Av. do Dr. Rodrigo Rodrigues, s/n, Fórum de Macau, Bloco 1, 4.º andar, Macau, Instituto do Desporto. Data: a partir da publicação do respectivo anúncio no “Boletim Oficial da Região Ad ministrativa Especial de Macau”. Hora: horário de expediente, (da segunda-feira à sexta-feira, das 9,00 horas às 13,00 horas e das 14,00 horas às 17,30 horas). Custo: Cada cópia custa quinhentas patacas ($ 500,00). 14. Critérios de apreciação de propostas e respectivos factores de ponderação: Item de Avaliação Preço Plano de prestação dos serviços

Percentagem de Avaliação 40% 20%

Item de Avaliação Experiência da equipa e em serviços semelhantes Equipamentos de limpeza

Percentagem de Avaliação 20% 20%

15. Esclarecimentos: Os concorrentes poderão comparecer na sede do Instituto do Desporto, sita na Av. Dr. Rodrigo Rodrigues, s/n, Fórum de Macau, Bloco I, 4º andar, antes da data limite para a entrega das propostas, para tomar conhecimento de eventuais esclarecimentos adicionais. Instituto do Desporto, aos 6 de Julho de 2011.

O Presidente, Vong Iao Lek

trabalho do atelier [Carlos Couto Atelier de Arquitectura, Lda.]”, disse o arquitecto ao Hoje Macau. Carlos Couto liderou uma equipa de 12 pessoas para a concepção do pavilhão, quase a totalidade do próprio atelier, e contou com a empresa PAL Asiaconsult para a execução do projecto a quem reserva os respectivos créditos. “A experiência de trabalho com eles foi fantástica, para mim é a melhor empresa de engenharia

em Macau, conseguimos trabalhar muito bem e o resultado pelos vistos não desagradou”. O projecto do pavilhão de Portugal na Expo2010 já tinha sido distinguido em Novembro, com o prémio de design e arquitectura em Xangai, pelo Bureau International des Exhibitions (BIE). Foi eleito entre os 42 pavilhões alugados do certame tendo em conta a fachada e decoração exterior, desenho arquitectónico, técnicas de construção

usadas e a sua relação com o tema da Expo2010, “Better City, Better Life”. Representar Portugal na Ásia foi uma experiência que, para Carlos Couto, teve “duplos sabores”. “Primeiro porque fazer um Pavilhão para uma Expo é uma obra que rarissimamente podemos ambicionar que nos caia na mão, e esta caiu. Depois porque sou português e resido em Macau.” O arquitecto confessa que tinha concorrido com um projecto para o Pavilhão da RAEM que chegou à final mas acabou por não vencer. “Fiquei aqui com uma espinha atravessada, mas depois apareceu este de Portugal e ganhámos”, admite. Durante o período de exposição, o pavilhão de cortiça que tanta curiosidade suscitou na Expo de Xangai foi visitado por quase cinco milhões de pessoas, um recorde na história da participação portuguesa em exposições universais. “Penso que nunca mais, ou nos próximos 50 anos pelo menos, a não ser que aquilo volte à China, haverá uma expo tão grande e com tanta gente”, sustenta Carlos Couto, que confessa que trabalhar com cortiça também lhe deu especial prazer, sobretudo PUB

COMISSÃO DE REGISTO DOS AUDITORES E DOS CONTABILISTAS

Aviso

Torna-se público que já se encontra finalizada a correcção da primeira prestação das provas para a inscrição inicial e revalidação de registo como auditor de contas, contabilista registado e técnico de contas, realizadas no ano de 2011 nos termos do disposto na alínea c) do artigo 1º do Regulamento da Comissão de Registo dos Auditores e dos Contabilistas, pela referida Comissão. Os respectivos resultados serão notificados aos interessados até ao dia 18 de Julho, solicitando-se aos mesmos que contactem com a Sra. Vong, através do nº 85990168 ou 85990139, caso não recebam a mencionada notificação. Direcção dos Serviços de Finanças, aos 4 de Julho de 2011 O Presidente do Júri, Iong Kong Leong

tendo em conta as reacções ao produto final. “Os chineses espantaram-se com o produto, mexiam, esgravatavam, cheiravam, foi uma grande novidade e foi interessante ver todo esse processo”, conta. “Substituímos quase 400 placas de cortiça ao longo dos seis meses, até que desistimos porque começámos a achar piada e passou a ser um momento de celebração.” Carlos Couto referiu ainda o “privilégio” que foi ter a Parque Expo como cliente. “Foi o melhor que alguma vez encontrei, um cliente que tratou a arquitectura como acho que os clientes a devem tratar. Foram extremamente exigentes mas deram-me liberdade para criar. Nunca vou encontrar um cliente igual e não há boa obra de arquitectura sem um bom cliente. Só que normalmente não se encontram bons clientes”, desabafa. Radicado em Macau desde 1981, Carlos Couto tem trabalhado exclusivamente para o território mas admite que “gostaria imenso” de ter a oportunidade de realizar projectos internacionais. “Ter participado na Expo abriu-me internacionalmente”, assegura o arquitecto que, por enquanto, mantém-se ocupado com projectos em Taiwan e no resto da China. Na Ilha Formosa, Couto está a trabalhar no desenho de um circuito permanente de Fórmula 3 com um hotel associado, uma pista de karting e edifícios periféricos associados. “É um projecto que me dá algum prazer porque como sabe o meu filho [André Couto] trabalha nesse ramo e eu envolvi-me nisso toda a vida”, conta. Na calha tem também hotéis e complexos residenciais na China “que surgiram depois da Expo”, além do projecto do traçado da linha do novo Metro Ligeiro em Macau. Carlos Couto dedicou o Prémio Construir 2011 ao neto Afonso, que morreu em Novembro vítima de leucemia.


GOVERNO REVERTE TERRENO USADO PARA PISCICULTURA

QUARTA-FEIRA 13.7.2011

Na sequência das acções de combate contra a ocupação clandestina de terrenos, anunciou ontem que levou a cabo mais um despejo. No terreno ontem revertido, com uma área de aproximadamente 1000 metros quadrados, localizado na Povoação de Hác Sá, foi escavado um lago para piscicultura. Este perfaz juntamente com os demais terrenos contíguos localizados na Povoação de Hác Sá e que foram ultimamente revertidos uma área de 21.800 metros quadrados, que futuramente será objecto de planeamento geral. A área global dos terrenos revertidos nos primeiros sete meses do corrente ano ultrapassa o somatório das áreas referentes aos terrenos revertidos ao longo destes dois anos. A vedação do terreno poderá estar concluída dentro de um dia.

www.hojemacau.com.mo

7

Gonçalo Lobo Pinheiro glp@hojemacau.com.mo

O

Regulamento Geral dos Espaços Públicos é para ser cumprido à risca. Este é a grande conclusão da reunião entre o Grupo de Estudo de Administração e Informação e o Grupo de Estudo de Protecção Ambiental e Zonas Verdes, depois da agressão que foram alvo dois funcionários de fiscalização do Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais (IACM) no passado dia 9 de Junho. O IACM, pela voz do seu vice-presidente Lei Wai Nong, assegurou que o organismo tem prestado a devida atenção à segurança do pessoal de fiscalização e às dificuldades que estes encontram no decorrer das suas funções. Estas declarações não convencem o deputado da Assembleia Legislativa (AL) José Pereira Coutinho que

IACM GARANTE REFORÇO DE SEGURANÇA DEPOIS DE AGRESSÕES

Lei é para cumprir, der por onde der considera este ser “um dos muitos casos que envolve a IACM”. “O IACM tem de cumprir a lei e não pode ignorar o Código Penal e a Lei de Apoio Judiciário aos Funcionários Públicos”, referiu.

Pereira Coutinho lembra que ainda há funcionários que usam do seu próprio bolso dinheiro para a contratação de um advogado e foi isso que levou Chui Sai On a alavancar a lei de Apoio

Judiciário aos Funcionários Públicos, aprovada recentemente. As agressões não impedem o combate aos maus modos e a aplicação rigorosa de multas aos infractores é

para cumprir, mas colocaram em polvorosa o IACM. O organismo diz que está em marcha “o reforço da segurança e formação do pessoal bem como o contacto com as forças policiais para

conseguir o apoio da polícia sempre que se revele necessário”. O Conselho Executivo, que repudiou o acto de violência, concordou com esta forma de acção do IACM e defende, rigorosamente, a execução das leis, algo que o deputado da AL também defende. “O IACM terá sempre de apoiar os trabalhadores”, finalizou Pereira Coutinho.

PUB

DIRECÇÃO DOS SERVIÇOS DE SOLOS, OBRAS PÚBLICAS E TRANSPORTES

Anúncio Faz-se saber que em relação ao concurso público para a execução da “Empreitada de concepção e construção do Parque de Estacionamento de Automóveis Pesados e de Autocarros”, publicado no Boletim Oficial da Região Administrativa Especial de Macau, n° 25, II Série, de 22 de Junho de 2011, foram prestados esclarecimentos, nos termos do artigo 2° do programa do concurso, e foi feita aclaração complementar conforme necessidades, pela entidade que realiza o concurso e juntos ao processo do concurso. Os referidos esclarecimentos e aclaração complementar encontram-se disponíveis para consulta durante o horário de expediente no Departamento de Infra-Estruturas da DSSOPT, sita na Estrada de D. Maria II, Edifício CEM, n°s 32-36, 2° andar, Macau. Direcção dos Serviços de Solos, Obras Públicas e Transportes, aos 08 de Julho de 2011. O Director dos Serviços Jaime Roberto Carion

ANÚNCIO Faz-se saber que, em relação ao concurso público para «Empreitada de Construção de Habitação Pública no Bairro de Ilha Verde, Lote 3», publicado no Boletim Oficial da Região Administrativa Especial de Macau n.º 26, II Série, de 29 de Junho de 2011 foram prestados esclarecimentos, nos termos do artigo 2.2 do programa do concurso, e foi feita aclaração complementar conforme necessidades, pela entidade que realiza o concurso e juntos ao processo do concurso. Os referidos esclarecimentos e aclaração complementar encontram-se disponíveis para consulta, durante o horário de expediente, no Gabinete para o Desenvolvimento de Infra-estruturas, sito na Av. do Dr. Rodrigo Rodrigues, Edifício Nam Kwong, 10º andar, Macau. Gabinete para o Desenvolvimento de Infra-estruturas, aos 8 de Julho de 2011. O Coordenador do Gabinete Chan Hon Kit

AVISO CONCURSO PÚBLICO N.º 28/P/2011 Faz-se público que, por despacho do Ex.mo Senhor Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, de 27 de Junho de 2011, se encontra aberto o Concurso Público para «Fornecimento e Instalação de Setenta e Duas Bombas de Infusão Volumétricas aos Serviços de Saúde», cujo Programa do Concurso e o Caderno de Encargos encontram à disposição dos interessados desde o dia 13 de Julho de 2011, todos os dias úteis, das 9,00 às 13,00 horas e das 14,30 às 17,30 horas, na Divisão de Aprovisionamento e Economato sita na Cave 1 do Centro Hospitalar Conde de S. Januário, onde serão prestados esclarecimentos relativos ao concurso, estando os interessados sujeitos ao pagamento do custo das respectivas fotocópias ou ainda mediante a transferência gratuita de ficheiros pela internet no website dos S.S. (www. ssm.gov.mo). As propostas serão entregues na Secção de Expediente Geral destes Serviços, situada no r/c do Centro Hospitalar Conde

de São Januário e o respectivo prazo de entrega das propostas termina às 17,45 horas do dia 8 de Agosto de 2011. O acto público deste concurso terá lugar no dia 9 de Agosto de 2011, pelas 10,00 horas, na sala do «Museu» situada no r/c do Edifício da Administração dos Serviços de Saúde junto do C.H.C.S.J. A admissão a concurso depende da prestação de uma caução provisória no valor de $17 400,00 (dezassete mil e quatrocentas patacas) a favor dos Serviços de Saúde, mediante depósito, em numerário ou em cheque, na Secção de Tesouraria destes Serviços ou através da Garantia Bancária/Seguro-Caução de valor equivalente. Serviços de Saúde, aos 5 de Julho de 2011 O Director dos Serviços, Lei Chin Ion

AVISO CONCURSO PÚBLICO N.º 29/P/2011 Faz-se público que, por despacho do Ex.mo Senhor Secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, de 29 de Junho de 2011, se encontra aberto o Concurso Público para «Fornecimento de Equipamentos Laboratoriais Cedidos Como Contrapartida do Fornecimento de Reagentes ao Serviço de Patologia Clínica dos Serviços de Saúde», cujo Programa do Concurso e o Caderno de Encargos encontram à disposição dos interessados desde o dia 13 de Julho de 2011, todos os dias úteis, das 9,00 às 13,00 horas e das 14,30 às 17,30 horas, na Divisão de Aprovisionamento e Economato sita na Cave 1 do Centro Hospitalar Conde de S. Januário, onde serão prestados esclarecimentos relativos ao concurso, estando os interessados sujeitos ao pagamento do custo das respectivas fotocópias ou ainda mediante a transferência gratuita de ficheiros pela internet no website dos S.S. (www.ssm. gov.mo). As propostas serão entregues na Secção de Expediente Geral

destes Serviços, situada no r/c do Centro Hospitalar Conde de São Januário e o respectivo prazo de entrega das propostas termina às 17,45 horas do dia 10 de Agosto de 2011. O acto público deste concurso terá lugar no dia 11 de Agosto de 2011, pelas 10,00 horas, na sala do «Museu» situada no r/c do Edifício da Administração dos Serviços de Saúde junto do C.H.C.S.J. A admissão a concurso depende da prestação de uma caução provisória no valor de $510 000,00 (quinhentas e dez mil patacas) a favor dos Serviços de Saúde, mediante depósito, em numerário ou em cheque, na Secção de Tesouraria destes Serviços ou através da Garantia Bancária/Seguro-Caução de valor equivalente. Serviços de Saúde, aos 5 de Julho de 2011 O Director dos Serviços, Lei Chin Ion


vida

QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

8

DESCOBERTOS 12 VULCÕES SUBMARINOS NO OCEANO ANTÁRCTICO

Um perigo recém-nascido U

MA equipa de cientistas descobriu uma cadeia de doze vulcões nas águas do Oceano Antárctico, alguns com três quilómetros de altitude, revelou hoje o British Antarctic Survey (BAS). Os investigadores embarcaram no navio oceanográfico “RRS James Clark Ross” para mapear o fundo do mar junto às remotas ilhas Sandwich do Sul, durante duas missões, em 2007 e 2010. Para sua surpresa, descobriram 12 vulcões submarinos, numa área com cerca de 600 quilómetros de extensão e 150 quilómetros de largura. O BAS explica que os cientistas

encontraram crateras com cinco quilómetros de diâmetro, causadas pelo colapso de vulcões, e sete vulcões activos que são visíveis acima do nível do mar. “Há tanto que ainda não sabemos sobre a actividade vulcânica debaixo do mar”, comentou Phil Leat, investigador do BAS, no Simpósio Internacional de ciências sobre a Antárctica, em Edimburgo, de 10 a 16 de Julho, que reúne mais de 500 investigadores. Segundo o BAS, esta descoberta permite compreender o que acontece quando os vulcões entram em erupção ou colapsam debaixo de água e o seu potencial para criar

tsunamis, por exemplo. “É muito provável que os vulcões estejam, frequentemente, em erupção ou em colapso. As tecnologias que os cientistas agora podem usar dão-nos oportunidade para construir a história da evolução do nosso planeta. Além disso ajudam-nos a esclarecer os fenómenos naturais que podem ameaçar as pessoas que vivam em regiões mais populosas”, continuou Phil Leat. Estas paisagens marinhas, com águas aquecidas pela actividade vulcânica, também têm interesse biológico, uma vez que são um habitat rico para muitas espécies de vida selvagem, salienta o BAS.

ESPECIALISTAS EM LISBOA PARA DEBATER PROTECÇÃO AMBIENTAL

Futuro negro para reservas combustíveis M

AIS de cem cientistas, políticos e investigadores reuniram-se ontem numa conferência mundial para debater novos dados e soluções para as alterações climáticas, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa. As alternativas energéticas aos combustíveis tradicionais - petróleo, gás natural e carvão - foram um dos temas da terceira edição da Conferência Mundial Sobre Aquecimento Global. Além das consequências ambientais, os especialistas debruçaram-se sobre a questão de que as reservas de petróleo deverão durar para apenas mais 40 anos, num crescendo de preços que está a incrementar cada vez mais o recurso a fontes de energia alternativas, como o sol ou o vento, disse ao jornal Sol um dos moderadores da conferência, o professor catedrático Manuel Collares Pereira. Os peritos estimam que já se tenha consumido metade do petróleo existente em todo o mundo, enquanto o pico de consumo do gás natural deverá ser atingido em breve e a sua vida útil não deverá ir além de mais 60 anos, ainda de acordo com o especialista em energias alternativas e docente na Universidade de Évora.

A realidade comprova que a produção eléctrica de energia através da luz solar (fotovoltaica) ou do vento (eólica) ganha cada vez mais terreno, enquanto o recurso ao hidrogénio se apresenta como outra alternativa, embora ainda mais distante pela dificuldade em conseguir separá-lo de outros elementos e em armazená-lo. Collares Pereira acredita que a evolução nos próximos anos passará pelo recurso simultâneo ao petróleo e às energias alternativas, incluindo também os biocombustíveis. O cientista realça o rótulo de “pioneiro” atribuído em Portugal pelo investimento já feito em energia solar e eólica. Com a massificação da produção e a inerente baixa de preços, é possível, por exemplo, que uma família consiga ser auto-suficiente em energia eléctrica com um investimento de 10 mil euros e até vender o eventual excedente de produção. As emissões de dióxido de carbono para a atmosfera, o impacto das alterações climáticas na biodiversidade, as tecnologias energéticas e os modelos de previsões de mudanças de clima vão ser outros temas em debate.

Planeta em números

1000.000.000 É o número de vezes que o vidro pode ser reciclado, sendo que determinadas qualidades de vidro podem mesmo ser infinitamente recicladas.

Organizações mundiais debatem acç

Quantos somos pe

V

ÁRIAS organizações mundiais juntaram-se para tentar desenvolver sete mil milhões de acções e enfrentar os problemas colocados pelo crescimento da população, numa campanha global para melhorar a vida de toda a humanidade. Assinalou-se na segunda-feira o Dia Mundial da População, num ano em que deverá ser atingida a fasquia dos sete mil milhões de habitantes do planeta terra, mais do dobro dos habitantes de há 50 anos, um crescimento que aumenta as preocupações com a forma de alimentar todos e com a sobrecarga para os recursos naturais. Especialistas alertam para a disparidade existente entre a subida da população e a capacidade de resposta da natureza às necessidades cada vez mais exigentes dos cidadãos. No ano passado, a população mundial era de cerca de 6934 milhões de pessoas e a Organização das Nações Unidas prevê que dentro de 50 anos a população chegará aos nove mil milhões, sendo em África que o crescimento é mais acelerado. A Fundação para a População das

Nações Unidas (UNFPA) juntou-se a várias entidades para promover os desafios e oportunidades a enfrentar perante uma população de sete mil milhões numa campanha que adoptou como nome este número (“sete mil milhões de acções”).

EXPERIÊNCIA | CAMIÕES MOVIDOS A COMBUSTÍV

Silenciosos e amigos do a E

se os camiões pudessem circular a partir de estrume de porco ou de lixo dos aterros? Ou ainda aproveitar restos da pasta de papel? As opções para abastecer os camiões TIR, por ridículas que pareçam, estão mais perto do que pensa. Automóveis eléctricos ou híbridos já não são grande novidade para os automobilistas, mas não resolverão a maior parte das emissões de dióxido de carbono no transporte rodoviário. Só que agora, os irmãos pesados começam também a poder deixar de depender só do petróleo. E não são meras experiências de laboratório, já estão na estrada. Durante um período de duas semanas, mais de 90 jornalistas de várias partes do mundo testaram três tipos de camião, movidos a combustíveis alternativos. “Queremos mostrar a excelente qualidade destes camiões. Eles são veículos

eficientes que estão a aproximar-nos de uma solução para o transporte sustentável”, garantiu ao Expresso Lars Mårtensson, director ambiental da Volvo Trucks. As vendas de camiões híbridos diesel/metano arrancaram na primavera, enquanto o bio-DME (dimetil éter) - produzido a partir do licor


ALIMENTOS NOCIVOS PARA A SAÚDE VÃO SER TAXADOS NA HUNGRIA

O Parlamento húngaro aprovou a aplicação, a partir de Setembro, de uma taxa sobre os alimentos e as bebidas com alto teor de açúcar, sal, hidratos de carbono e cafeína, noticiou ontem a agência AFP. A taxa - aprovada por maioria, com 255 votos a favor, 54 contra e 36 abstenções - será, numa primeira fase, aplicada aos biscoitos salgados e açucarados, às bebidas energéticas e aos bolos pré-embalados. O governo justifica o imposto com o aumento dos problemas de saúde associados ao consumo de açúcar, gordura e sal.

ções de melhoria de qualidade de vida

Através de diversos meios, desde a internet ao telefone, a campanha vai mostrar as acções que as pessoas estão a realizar para melhorar a sua vida e a dos que as rodeiam, atendendo aos desafios relativos aos recursos, à saúde e ao ambiente. Os organizadores esperam envolver milhões de pessoas que vão partilhar a ideia do que será viver num mundo com sete mil milhões de habitantes e do que podem fazer para assegurar que todos conseguem concretizar o seu potencial e ter qualidade de vida. A ideia-base do projecto é que cada um tem um papel único na ajuda aos outros e a tornar o mundo um local melhor para viver. Os sete pontos-chave para o desenvolvimento do movimento são pobreza e desigualdade: quebrar o ciclo; mulheres e raparigas: capacitação e progresso; jovens: chegar ao futuro; saúde reprodutiva e direitos: os factos da vida; ambiente: planeta saudável, pessoas saudáveis; envelhecimento: um desafio sem precedentes; e urbanismo: planear o crescimento.

www.hojemacau.com.mo

9

SOMÁLIA | ANTÓNIO GUTERRES VISITA A REGIÃO DEVASTADA PELA SECA

“O pior desastre humanitário no mundo”

elo ambiente? A iniciativa, cujo lançamento marcou o Dia Mundial da População, inclui várias empresas, órgãos de comunicação social, organizações não governamentais e universidades, além de vários departamentos das Nações Unidas.

QUARTA-FEIRA 13.7.2011

O

alto comissário da ONU para os refugiados, António Guterres, diz que a seca na Somália é o “pior desastre humanitário” actual, após um encontro com pessoas que suportaram condições indescritíveis até alcançarem o maior campo de refugiados do mundo.   O campo queniano, Dadaab, está a transbordar com dezenas de milhares de refugiados recém-chegados, para aí empurrados por a região se situar numa zona de confluência da Somália, com a Etiópia e o Quénia. O Programa Alimentar Mundial estima que dez milhões de pessoas necessitem já de ajuda humanitária. O Fundo das Nações Unidas para a Infância estima que mais de dois milhões de crianças estão subalimentadas e a precisar de ajuda de emergência. António Guterres apelou ao mundo para promover a “ajuda massiva” necessária a milhares de refugiados que chegam a este campo todas as semanas. Mais de 380 mil refugiados vivem agora naquele local. Estão ali “os mais pobres dos pobres e os mais vulneráveis dos vulneráveis”, defendeu. Em Dadaab, o alto comissário

da ONU falou com uma mãe somali que perdeu três filhos durante a caminhada de 35 dias para chegar ao campo. “Fiquei um pouco insana depois de os perder”, disse a mãe, Muslima Aden. “Perdi-os em momentos diferentes do caminho”. António Guterres está numa viagem à região para avaliar as necessidades diárias. Na quinta-feira,

esteve na Etiópia, no campo de Dollo Ado, que também está sobrelotado. “As taxas de mortalidade que testemunhamos estão três vezes acima do nível de emergência”, afirmou. “O nível de subnutrição das crianças que chegam está nos 50%. Isto é suficiente para explicar porque um nível muito alto de mortalidade é inevitável”, declarou.

VEIS ALTERNATIVOS PODEM FAZER SUCESSO

ambiente negro, efluente do fabrico da pasta de papel - é um combustível de próxima geração que está actualmente ainda em testes de campo. Para além disso, a marca sueca (agora de capital maioritariamente chinês) apresentou o Volvo FE Hybrid, destinado sobretudo a operações de distribuição urbana e recolha de lixo, isto é, utilizado em troços de paragens e arranques frequentes. “Estou muito impressionado. Foi a primeira vez que conduzi um camião de 20 toneladas que andou totalmente em silêncio por mais de um quilómetro. É realmente fascinante, nunca tinha experimentado nada parecido”, diz Fabian Schmid da revista suíça Strassentransport. Apesar do desempenho dos novos camiões, uma série de problemas permanece ainda por resolver, sobretudo ao nível das redes de abastecimento de combustíveis alternati-

vos, ainda não implementadas, mas também no aumento da capacidade das baterias dos camiões híbridos. Por outro lado, a produção de bio-DME, a partir do licor negro, ainda está numa fase experimental e poderá nunca surgir em tão larga escala como o metano, uma vez que depende da capacidade de produção de papel e esta está ligada com o abate de florestas. “É importante para nós como empresa fazer lobby em nome dos combustíveis alternativos e chegar a soluções que reduzam o impacto dos transportes sobre o clima. Esta é uma questão crucial para o meio ambiente e uma sociedade sustentável “, admite Lars Mårtensson. Recorde-se que a Volvo é uma das maiores produtoras de veículos pesados do mundo, consequentemente co-responsável por boa parte da poluição proveniente dos transportes rodoviários.

Click ecológico 80% DO CORPO COM PETRÓLEO • Pelo menos uma centena de pinguins sujos de petróleo chegou nas últimas semanas à costa oceânica uruguaia e ambientalistas estimam que, provavelmente, outros cem morreram antes que pudessem ser resgatados. Os pinguins começaram a chegar à costa em meados de Junho e actualmente há 60 exemplares nas instalações da Sociedade para a Conservação da Biodiversidade de Maldonado e 25 na SOS Resgate Fauna Marinha, do mesmo estado, informaram à AFP fontes das duas organizações. “Começaram a chegar às praias em meados de Junho, mas a quantidade aumentou na primeira semana de Julho. Todos com mais de 80% do corpo coberto de petróleo”, disse à AFP uma ambientalista.


QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

10

CULTURA

UNESCO acusa Macau de não estar a tomar medidas para proteger património

Nada de novo no panorama Joana Freitas

joana.freitas@hojemacau.com.mo

E

NQUANTO Boyce Lam, chefe da divisão de Projectos Especiais do Instituto Cultural (IC), menciona o “alargamento da zona de protecção do património cultural, a fixação das cotas altimétricas máximas permitidas para a construção de edifícios nas zonas de imediações do Farol da Guia e o reforço da protecção dada constantemente a diversos tipos de património cultural” como medidas tomadas para proteger o património, já a UNESCO reitera pela terceira vez as mesmas ausências: “Nenhuma das medidas de conservação solicitadas

em 2009 tem sido completada ou sequer posta em vigor até agora”. Essas medidas passam pela elaboração de um plano de desenvolvimento urbanístico, há muito a ser discutido no território e cuja ausência contribui para a construção desenfreada, e pela entrada em vigor da Lei de Salvaguarda do Património, em discussão há mais de três anos e cujas promessas de aprovação foram constantemente adiadas. A UNESCO salienta no relatório que nada do que foi referido sobre o plano urbanístico “é novo”, refere o Ponto Final, e que “não há indicações específicas, como por exemplo a data da entrada em vigor das medidas reguladoras”. Boyce

Lam alerta que o Governo “já fez o que foi pedido, relativamente à altura dos edifícios” e afirma que “a Unesco ficou satisfeita com esse trabalho”. Quanto à manutenção de Macau na lista de Património Mundial da Humanidade, o IC não dá garantias, mas compromete-se a “salientar o processo legislativo” e “a sensibilizar a população”. A investigação da UNESCO em 2008 avançou depois de uma queixa de um grupo de cidadãos. Ung Vai Meng, presidente do IC, foi questionado pelos jornalistas no domingo, mas não quis explicar o conteúdo do relatório que a UNESCO pediu ao Governo para entregar até Fevereiro de 2013. O

presidente garantiu apenas que a RAEM vai cumprir o calendário. O responsável regressou há pouco tempo de um encontro da UNESCO, em Paris, onde recebeu indicações para entregar o relatório. “A organização exige que seja entregue antes de 1 de Fevereiro de 2013. Estamos a fazer as preparações desta que foi uma nova decisão da 35.ª sessão do Comité do Património Mundial”, disse. Mas a nova decisão do Comité não traz consigo muitas alterações às recomendações emitidas anteriormente. Boyce Lam disse ontem ao Hoje Macau que “em conformidade com a deliberação do Comité do Património Mundial, o Governo entregou um relatório de progresso

sobre o estado de conservação do Centro Histórico de Macau, que reflecte os esforços do Governo na conservação do centro desde a sua inscrição na Lista do Património Mundial”. Contudo, o responsável salienta que a UNESCO “continua preocupada com a falta de cumprimento das medidas de conservação”, já que estas medidas não foram seguidas pelo Governo de Macau. Em Abril de 2010, o Executivo terá elaborado dois estudos que funcionarão como base para ao desenvolvimento urbanístico de Macau. Questionado pelo Hoje Macau sobre quais os resultados dos estudos e onde podem ser vistos, o IC nada adianta.


“VIAGEM NO TEMPO” EXIBIDO NO PORTO INTERIOR

Quem perdeu a exibição de “Viagem no Tempo”, filme vencedor da secção “Macau Indies” do Festival Internacional de Cinema e Vídeo de Macau, terá no fimde-semana uma segunda oportunidade para ver o documentário ficcional de António Faria e Carolina Rodrigues sobre os pescadores do território. A projecção vai acontecer no edifício Ponte Cais 25, no Porto Interior. Como prometido pelos autores quando foram distinguidos pelo Centro Cultural, o filme será exibido com entrada livre no local onde vivem e trabalham a maioria dos protagonistas - os pescadores de Macau. “A projecção é principalmente para eles, mas pode vir quem quiser, contamos que haja espaço para todos”, disse Carolina Rodrigues ao Hoje Macau.

QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

11

Macau pode sair da lista de património se continuar em incumprimento

A tapar a história com prédios altos Joana Freitas

joana.freitas@hojemacau.com.mo

“S

IM. Macau ou qualquer outro local listado como Património Mundial da Humanidade e classificado pela UNESCO pode ser removido da lista em caso de não cumprir mais os padrões porque foi incluído”. E uma dessas características é, por exemplo, a de “não estar tapada a visualização íntegra do local”. Quem o afirma ao Hoje Macau é a porta-voz do departamento de comunicação do Centro de Património da entidade, sediada em Paris. Uma notícia avançada ontem pelo jornal Ponto Final, dava conta que a Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO na sigla inglesa) tem precisamente esta preocupação relativamente ao território. Num relatório tornado público no site da entidade, e datado de 7 de Julho, a UNESCO frisa “a continuação

E

da utilização de um sistema desadequado da manutenção da zona tampão do território e as disposições legais para proteger efectivamente a ligação visual e funcional entre o monumento inscrito e a paisagem de Macau”. Mas os alertas da UNESCO não são novos. Em 2008, mais um relatório: “A 26 de Agosto de 2007, o Comité do Património Mundial foi informado através de diversas fontes, incluindo um grupo de cidadãos a viver na RAEM, que alguns projectos no Centro Histórico envolvendo edifícios altos estão a afectar a visualização integral do património […]”. O edifício a que se refere o comunicado, é nada mais nada menos, do que a sede do Gabinete de Ligação do Governo Central na RAEM, que tapa a vista sobre a Fortaleza (e o Farol) da Guia, classificada património mundial em 2005. Na altura, o director do gabinete da UNESCO para a Ásia, Richard Engelhardt, reconheceu que o Governo

M 2009, em 2010 e “no Outono deste ano”. As datas referem-se às previsões em que a Lei de Salvaguarda do Património deveria ter saído e à nova promessa do Executivo. O Governo de Macau terá afirmado à UNESCO que o diploma que visa proteger o Centro Histórico de Macau, classificado como Património Mundial da Humanidade pela UNESCO, chega à Assembleia Legislativa (AL) no Outono, mas Ung Vai Meng, presidente do Instituto Cultural (IC), não adiantou datas quando falou aos jornalistas no domingo. “Há todo um processo que tem de ser feito entre os serviços”, portanto é impossível avançar com datas. “Primeiro vai ser proposto ao Conselho Executivo e depois segue para a Assembleia Legislativa. Não podemos controlar, está a ser feito.” Boyce Lam, chefe da divisão de Projectos Especiais do IC, disse ontem ao Hoje Macau que “os peritos [da UNESCO] ainda estão preocupados com a questão de como podem ser aceleradas a

da RAEM tinha sido já avisado sobre a problemática construção em curso no sopé do Monte da Guia. “O Comité do Património Mundial já assinalou esta questão ao Governo de Macau. Sabíamos que este tipo de problemas iria surgir. As mudanças de legislação ocorridas após a transição de poderes, e depois, a legislação decorrente da gestão das terras era qualquer coisa que haveria de funcionar como pressão sobre o património mundial”, admitiu.

A“integridade visual” era o ponto fulcral referido no relatório de 2008 da UNESCO, que pedia ainda ao Governo para “definir medidas para reduzir os limites de construção”, principalmente dos edifícios em redor dos locais listados como protegidos. Em resposta, o Instituto Cultural de Macau (IC) mostrava-se determinado a cumprir as exigências de protecção do património. Mas as recomendações da UNESCO voltam em 2009. Um ano depois, a entidade

pede que as autoridades do território elaborem um plano de desenvolvimento urbanístico, cuja inexistência foi classificada como “irracional” por Guo Zhan, vice-presidente do Conselho Internacional dos Monumentos e Lugares (ICOMOS). “É irracional uma cidade com tantos sítios históricos não ter um plano urbanístico. É um problema”, disse na altura o responsável. A preocupação da UNESCO debruçava-se exactamente na mesma questão que su-

geriu nova repreensão ontem: a construção desenfreada que tapa os locais património da humanidade. “Os candidatos a património são incluídos na lista se for determinado que possuem valor universal e que esse valor pode ser visto. Se deixarem de ter não há razão para continuarem, porque o objectivo é mesmo esse”, explicou ao Hoje Macau a porta-voz do departamento da comunicação da UNESCO. A responsável alerta, contudo, que a remoção de um item da lista, algo que só aconteceu duas vezes, “é um processo demorado, que dá lugar a diversas intervenções antes e debates entre governos e entidade”. Há sempre, da parte da UNESCO, “o prevenir da remoção”, mas o simples facto de serem construídas infra-estruturas que não permitam visualizar o local pode ser a razão para que este não faça mais parte de Património Mundial da Humanidade.

PROPOSTA DE LEI DE SALVAGUARDA DO PATRIMÓNIO CHEGA À AL ESTE ANO, GARANTE EXECUTIVO

Três anos e uma auscultação depois adopção de medidas de conservação e mecanismos de gestão do património cultural com maior eficácia jurídica, nomeadamente no que diz respeito ao processo legislativo relativo à Lei de Salvaguarda do Património Cultural e à questão de tomar em consideração a protecção do património cultural no planeamento urbanístico”, e afirma que esse processo legislativo “vai ser acelerado”. O responsável adianta, no entanto, que o planeamento urbanístico não é da competência do IC e a nova lei “não vai conter qualquer referência” ao assunto. “Há um diálogo [entre o IC e a Direcção dos Serviços de Solos, Obras Públicas e Transportes (DSSOPT)] e uma das medidas foi a de levar peritos da DSSOPT à reunião da UNESCO o mês passado”, referiu.

No relatório da UNESCO, divulgado a 7 de Julho, a entidade faz menção de que o território tem de cumprir estas legislações para se perceber a sua adequação à gestão do património. Em Abril de 2008 foi iniciada a primeira fase da auscultação, depois de um grupo de cidadãos ter escrito à UNESCO uma carta onde condenava a autorização da construção de dois edifícios de grande altura em frente ao Monte da Guia, uma torre para habitação e o edifício de representação local do Governo Central chinês. Em meados de Janeiro de 2008, o Executivo tinha também anunciado um novo modelo de planeamento urbanístico para a zona periférica do Farol da Guia e afirmado ser sua “missão sagrada” proteger o património cultural de

Macau, refere uma notícia da Lusa, na altura. Em Julho de 2010, data em que Macau festejava o quinto aniversário de inclusão na lista da UNESCO, o Governo dava conta que a proposta de lei da salvaguarda do património estaria na recta final e que em Setembro, altura em que os deputados regressariam das férias, o documento seria discutido e submetido a votação. A imprensa da altura relatava que o diploma “chegaria com mais de um ano de atraso, já que Abril de 2008 o IC garantia que a proposta estaria pronta para auscultação pública”, mas mesmo assim, a lei ainda hoje o documento está em lista de espera para ser ordem do dia na AL. A última legislação de Macau sobre o património local data de

1992, ainda do tempo da administração portuguesa, tendo sido complementada em 2006 por um despacho do então Chefe do Executivo de Macau, Edmund Ho, que actualizava a lista do património classificado local. O projecto de lei, disponível na Internet, apresenta 70 páginas onde nomeia os locais identificados como património da humanidade e políticas de conservação. O artigo 42.º da proposta frisa, por exemplo, que “as cotas altimétricas têm como objectivo proteger a contemplação e a vista dos imóveis classificados bem como preservar o seu enquadramento urbanístico ou paisagístico”. Este ponto é algo que já não está a ser cumprido, uma vez que, conforme mencionado, o Monte da Guia está tapado por dois edifícios de uma centena de metros. - J.F.


QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

12

DESPORTO Quase metade da população mundial viu o Mundial 2010

MARADONA BATEU DE CARRO CONTRA UM AUTOCARRO, MAS SAIU ILESO Diego Maradona sofreu um acidente de viação, quando o carro que conduzia chocou com um autocarro, na noite de segunda-feira, em Buenos Aires. O exjogador terá saído ileso do incidente. O carro de Diego Maradona chocou com um autocarro, nos arredores de Ezeiza, região onde fica o principal aeroporto de Buenos Aires e o centro de treinos da selecção argentina, avançou segunda-feira a estação argentina “Crónica TV”. As primeiras informações indicaram que ‘El Pibe’ foi levado para o Hospital Zonal, em Ezeiza. O médico pessoal de Maradona, Alfredo Cahe, assegurou, já, que o ex-capitão da selecção argentina não sofreu nada de grave e que estava apenas sob observação por causa de uma pequena pancada no joelho.

Um espectáculo global

O

S números foram apresentados pela FIFA e falam por eles próprios: a transmissão do Campeonato do Mundo de 2010 chegou a 3,2 mil milhões de pessoas em todo o mundo, um número que representa 46,4 por cento da população mundial. Os 3,2 mil milhões atingidos pelo Mundial organizado pela África do Sul representam um aumento de oito por cento relativamente ao registo de 2006, quando a prova decorreu na Alemanha. Tendo por base os telespectadores que assistiram a um mínimo de 20 minutos seguidos da cobertura televisiva, o Mundial 2010 chegou a quase um terço da população mundial (2,2 mil milhões, mais três por cento que em 2006), de acordo com os dados compilados pela KantarSport para a FIFA. Sem surpresa, o encontro mais visto do Mundial 2010 foi a final entre Espanha e Holanda, que chegou a 619,7 milhões de

MESSI AJUDA ARGENTINA NA COPA AMÉRICA Lionel Messi assinou uma grande exibição na noite de segunda-feira e com a ajuda de Aguero, autor de dois golos, ajudou a derrotar a Costa Rica, por 3-0, e a colocar a Argentina nos quartos-de-final da Copa América em futebol. Depois de duas exibições sem brilho, a anfitriã Argentina conquistou a primeira vitória na prova, na terceira jornada do Grupo A, graças à exibição de Messi e também aos golos de Aguero, aos 45 e aos 52, que o levaram ao topo da lista de marcadores da prova. A selecção “albiceleste” fixou o resultado com um golo de Di Maria, aos 64 minutos, após um passe magistral de Messi, que foi eleito o melhor em campo e agradeceu aos adeptos o “tratamento dispensado a toda a equipa”, no estádio Mario Alberto Kempes, em Córdoba.

PUB

Aviso Faz-se público que, em conformidade com a Lei n.º 7/2010 e o Regulamento Administrativo n.º 16/2011, a prova de equiparação de habilitações na área do Diagnóstico e Terapêutica, terá lugar, respectivamente, no dia 30 de Agosto (na área farmacêutica) e no dia 30 de Setembro de 2011 (na área laboratorial, registográfica e ortóptica). A partir da presente data até ao dia 28 de Julho de 2011, os interessados podem apresentar a sua candidatura, que deverá ser entregue na Secção de Expediente Geral dos Serviços de Saúde (sita no Centro Hospitalar Conde de São Januário) ou remetida por meio de correio, com registo e aviso de recepção. As respectivas formalidades e informações detalhadas de apresentação de candidaturas encontram-se disponíveis para consulta no website dos Serviços (www.ssm.gov.mo). Caso os candidatos não entreguem os documentos necessários dentro do prazo acima fixado, a sua candidatura não será admitida. Será publicada no Boletim Oficial da Região Administrativa Especial de Macau pelos Serviços de Saúde a lista em que constem os nomes dos candidatos admitidos, o local e o horário em que se realizará a prova. Serviços de Saúde, aos 7 de Julho de 2011.

O Director dos Serviços de Saúde,

Lei Chin Ion

espectadores – tendo por base aqueles que viram pelo menos 20 minutos consecutivos da transmissão. No entanto, este número sobe para 909,6 milhões de espectadores se se tiver em conta toda a gente que viu mais de um minuto, e supera os mil milhões se se incluírem os espectadores que assistiram ao jogo fora de casa. A FIFA esclarece que os números anunciados não incluem as pessoas que viram os jogos fora de casa, nas áreas de adeptos ou outros recintos públicos como bares, restaurantes, hotéis ou também os espectadores das transmissões online ou móvel. “Tendo em conta a fragmentação crescente da audiência, em que as pessoas têm cada vez mais escolha em termos de plataforma, local e hora da transmissão, estes resultados mostram que o Mundial continua um espectáculo atraente para espectadores em todo o mundo”, sublinhou o secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke.

“O Mundial foi exibido em todos os países e territórios do planeta, com um nível sem precedentes de produção televisiva para servir ecrãs de todas as formas e feitios. Foi também o primeiro grande evento desportivo a ser distribuído globalmente para várias plataformas, nomeadamente televisão, rádio, dispositivos móveis, banda larga e ainda 3D”, acrescentou o mesmo responsável. Ainda segundo a FIFA, vários recordes foram batidos, nomeadamente incluindo os anfitriões África do Sul e a Alemanha. O segundo jogo da selecção sul-africana no Mundial 2010, diante do Uruguai, atingiu uma audiência doméstica de 10,15 milhões, quebrando todos os recordes anteriores. A meia-final entre Alemanha e Espanha conquistou uma audiência média superior a 31 milhões de espectadores na Alemanha, naquela que foi a primeira vez na história da televisão alemã que uma única estação superou a barreira dos 30 milhões de espectadores.

FIFA | ALEGAÇÕES DE CORRUPÇÃO INVENTADAS

Qatar ilibado A

FIFA confirmou que recebeu um email da pessoa que levantou suspeitas de corrupção sobre a candidatura do Qatar ao Mundial-2022. Phaedra Al Majid admitiu que inventou tudo, de modo a vingar-se. A mulher em causa trabalhou como assessora de imprensa para a candidatura e fabricou as acusações depois de ter sido despedida. “A FIFA confirma que recebeu um email da pessoa que fez alegações relacio-

nadas com a candidatura do Qatar retractando-se dessas mesmas alegações”, informou o organismo que rege o futebol mundial. Al Majid disse que Issa Hayatou, Jacques Anouma e Amos Adamu, todos membros FIFA, receberam subornos de modo a garantir que a candidatura daquele país árabe ganhava a organização do Mundial 2022. A FIFA afirma que não fará mais comentários sobre o assunto.


[f]utilidades Cineteatro | PUB

[ ] Cinema

SALA 1

SALA 2

Um filme de: Michael Bay Com: Shia LaBeouf, Markiss McFadden, Rosie Huntington-Whiteley 14.00, 16.45, 19.30, 22.15

Um filme de: Martin Campbell Com: Ryan Reynolds, Blake Lively, Peter Sarsgaard 14.30, 19.30

SALA 2

SALA 3

Um filme de: Luke Greenfield Com: Kate Hudson, Ginnifer Goodwin 14.30, 16.30, 19.30, 21.30

Um filme de: Matthew Vaughn Com: Michael Fassbender, James McAvoy 16.30, 21.30

TRANSFORMERS [B]

SOMETHING BORROWED [B]

Su doku [ ] Cruzadas

HORIZONTAIS: 1-HILAR. GENRA. 2-OMELETA. ION. 3-SOBA. ESPAÇO. 4-C. ROEL. ELAS. 5-OBA. TEDA. DO. 6-RODAVINHO. 7-HA. OLIG. ARO. 8-ESTO. SOVI. N. 9-TURREA. UCUI. 10-OMO. MOMBACA. 11-LEMPA. GALAO. VERTICAIS: 1-HOSCO. HETOL. 2-IMO. BRASUME. 3-LEBRAO. TORM. 4-ALAO. DOOR. P. 5-RE. ETAL EMA. 6-TELEVISAO. 7-GAS. DIGO. MG. 8-E. PEAN. VUBA. 9-NIAL. HAICAL. 10-ROÇADOR. UCA. 11-ANOSO. ONIAO.

SOLUÇÃO DO PROBLEMA DO DIA ANTERIOR

13

X-MEN FIRST CLASS [B]

SOLUÇÕES DO PROBLEMA

Insira algarismos nos quadrados de forma a que cada linha, coluna e caixa de 3X3 contenha os dígitos de 1 a 9 sem repetição

www.hojemacau.com.mo

GREEN LANTERN [B]

HORIZONTAIS: 1-Relativo ao hilo. Nora. 2-Prato com ovos. Ião. 3-Chefe de tribo africana. Peça com que se formam intervalos na composição tipográfica. 4-O algarismo 100 na numeração romana. Virola de ferro. Feminino de eles. 5-Pequenos barra de oiro, que serve de moeda entre os japoneses. Archote. Capa preta e comprida de mulher. 6-Parede da frente, na lagariça. 7-Nome de letra alfabeto arábico. Elemento de origem grega que significa pouco. Subúrbios de cidade. 8-Fundo ou centro de águas de um terreno. Ave falconídea do Brasil. Símbolo químico de azoto. 9-Género de plantas meliáceas. Planta da Guiné. 10-Elemento de origem grega que significa ombro. Fruto acre, que no Brasil se emprega na culinária. 11-Pérola que se pesca em algumas ilhas do Brasil. Tira entrançada de prata, ouro, linho, etc. VERTICAIS: 1-Que tem cor escura. Medicamento sódico, aplicado contra a tuberculose. 2-Que está no lugar mais fundo ou mais baixo. Grande ardor. 3-Macho da lebre. Espécie de catapulta, para arremessar pedras. 4-Cão para corrida, na caça. Forma antiga de dor. Abrev. de Pai. 5-Segunda nota da escala musical. Substância gorda. Acto ou efeito de mascar tabaco. 6-TV. 7-Vapor do estômago e dos intestinos. Aconselho. Símbolo químico de magnésio. 8-Tipo emotivo segundo a classificação de Heymans-Le Senne. Hino em honra de um Deusm, na antiga literatura grega. Nome de duas plantas gramíneas do Brasil. 9-Ninho. Árvore de Timor. 10-O que roça. Género de plantas gramíneas. 11-Velho. Motim.

REGRAS |

QUARTA-FEIRA 13.7.2011

[Tele]visão www.macaucabletv.com TDM 13:01 13:30 14:30 19:30 20:25 20:30 21:00 22:10 22:55 23:00 23:30 01:15 01:45 RTPi 82 14:00 14:30 15:00 15:30 16:00 17:00 17:45 18:30 19:00 20:00 21:15 22:15 23:00

TDM News - Repetição Jornal das 24h RTPi DIRECTO Ganância 1 Minuto de Astronomia Telejornal Jornal da Tarde da RTPi Viver a Vida 1 Minuto de Astronomia TDM News Por Favor, Mata-me a minha Mulher Telejornal (Repetição) RTPi DIRECTO INFORMAÇÃO TDM Telejornal Madeira A Hora de Baco A Madeira e a República Portugal Tal e Qual Bom Dia Portugal Quem Quer Ser Milionário – Alta Pressão Resistirei Mais Perto de Casa – Goa I Luís de Matos – Mistérios Jornal Da Tarde O Preço Certo Portugueses Pelo Mundo Verão Total: Especial “7 Maravilhas da Gastronomia” – Setúbal

TVB PEARL 83 06:00 Bloomberg West 07:00 First Up 07:30 NBC Nightly News 08:00 Putonghua E-News 08:30 ETV 10:30 Inside the Stock Exchange 11:00 Market Update 11:30 Inside the Stock Exchange 11:32 Market Update 12:00 Inside the Stock Exchange 12:02 Market Update 12:30 Inside the Stock Exchange 12:35 Market Update 13:00 CCTV News - LIVE 14:00 Market Update 14:40 Inside the Stock Exchange 14:43 Market Update 15:58 Inside the Stock Exchange 16:00 Get Squiggling! 16:15 Penelope K, By the Way 16:30 Gaspard and Lisa 17:00 The Penguins of Madagascar 17:30 Let’s Get Inventin’ 18:00 Putonghua News 18:10 Putonghua Financial Bulletin 18:15 Putonghua Weather Report 18:20 Financial Report 18:30 Foot Brazil 19:00 Pilot Globe Guides 19:30 News At Seven-Thirty 19:50 Weather Report 19:55 Earth Live 20:00 Jimmy’s Food Factory 20:30 Bones 21:30 National Geographic’s Top 10 Photos 22:30 Marketplace 22:35 Fringe 23:35 The CEO Connection 23:40 World Market Update 23:45 News Roundup 00:00 Earth Live and Leading Brands of the World 00:05 Heroes 00:55 Money Magazine 01:25 Global Football 01:50 European Art at the MET 02:00 Bloomberg Television 05:00 TVBS News 05:30 CCTV News ESPN 30 12:00 14:00 15:00 16:00 19:00 19:30 20:00 20:30 21:00 22:00 22:30 23:00

Home Run Derby X Games 16 Classix - Skate Legends Of The Open Championship 1998 All STAR Game (Delay) Baseball Tonight International 2011 (LIVE) Sportscenter Asia Global Football 2011 World of Gymnastics 2011 Open Championship Official Film 2010 Sportscenter Asia (Delay0 Open Championship 2011 Preview Show, The Preview Global Football 2011

23:30 Baseball Tonight International 2011 STAR SPORTS 31 13:00 Game 13:30 Golf Focus 2011 14:00 Spirit Of Yachting Series 2011 14:30 Inside Racing 2011 15:00 HSBC FEI Classics 2011 - Luhmuhlen 16:00 V8 Supercars Championship Series 2011-Races 18:00 FA Classics 2003/04 FA Cup Arsenal vs. Chelsea 19:00 Full Throttle 2010/2011 19:30 FIA F1 World Championship Highlights 2011 British Grand Prix 21:00 Full Throttle 2010/2011 21:30 (LIVE) Score Tonight 22:00 Mobil 1 The Grid 2011 22:30 Ace 2011 23:00 WTA - Collector Swedish Open Final STAR MOVIES 40 11:50 The Devil’S Own 13:45 The Silence Of The Lambs 15:45 Night At The Museum 17:35 Barbershop 2 19:25 Date Night 21:00 Signs 22:50 Black Death 00:35 The Fourth Kind HBO 41 13:00 14:40 16:45 18:50 19:15 21:00 22:45 00:40

The Ugly Truth The Perez Family At First Sight Hollywood Buzz 23 Joe Dirt The Losers Couples Retreat The Master Of Disguise

CINEMAX 42 12:00 14:15 16:00 17:45 19:00 20:30 22:00 23:30

Krull Wolvesbayne Them! The Mummy Critters 2: The Main Course Babylon 5: The Legend Of The Rangers Fair Game The Amityville Horror

MGM 43 12:30 14:15 16:00 17:45 19:15 21:00 23:00 00:45

The Hunting Party Contamination. 7 Teachers After Midnight I Want to Live Neon City Flesh + Blood Thief

DISCOVERY CHANNEL 50 13:00 Mythbusters: Water Slide Wipeout 14:00 Sons Of Guns 15:00 I Shouldn’t BE Alive 16:00 Moments Of Impact 17:00 Dirty Jobs: Maggot Farmer 18:00 Factory Made 18:30 How Do They Do It? 19:00 Beyond Survival With Les Stroud 20:00 Storm Chasers 2010: Why We Chase 21:00 What You Can’t See: In The Water 22:00 My Shocking Story 5 23:00 Raging Planet 2:S ea Storm 00:00 Bad Universe: Death Stars

(MCTV 52) Animal Planet 20:30 FOOLED BY NATURE: PECULIAR POISONS

NATIONAL GEOGRAPHIC CHANNEL 51 12:30 Samurai Spider 13:25 Frontline Diaries - Apartheid’s Children 14:20 Secret Bible - Apocalypse 15:15 Crime Scene Bangkok - Crime Scene Bangkok 16:10 Inside - Rolling Stones In Rio 17:05 Air Crash Investigation - Cockpit Failure 18:00 Is It Real? - Hauntings 19:00 Don’t Tell My Mother 20:00 Samurai Spider - Samurai Spider 21:00 Fishzilla: Snakehead Invasion 22:00 Dog Whisperer 00:00 Monster Fish - Mekong Mystery ANIMAL PLANET 52 13:00 The Web Of Life 13:30 Fooled By Nature: Bizarre Breeders 14:00 Pit Bulls And Parolees 15:00 Kingdom Of The Elephants 16:00 Into The Dragon’s Lair 17:00 Animal Battlegrounds 18:00 Meerkat Manor 19:00 Luke Gamble’s Vet Adventures: Peru 20:00 The Web Of Life 20:30 Fooled By Nature: Peculiar Poisons 21:00 Borneo’s Pygmy Elephants 22:00 Last Feast Of The Crocodiles 23:00 Animal Battlegrounds 00:00 Meerkat Manor: A Family Affair HISTORY CHANNEL 54 13:00 Modern Marvels - Edison Tech 14:00 Day After Disaster 16:00 Modern Marvels - Made In The USA 17:00 Where Did It Come From? 18:00 Monsterquest - Vampires In America 19:00 Modern Marvels - Da Vinci Tech 20:00 Ancient Aliens 21:00 It’s Good To Be The President 23:00 The Universe - Time Travel 00:00 Ancient Discoveries BIOGRAPHY CHANNEL 55 13:00 Intervention 14:00 Obsessed 15:00 Celebrity Ghost Stories 16:00 Kirstie Alley 17:00 Heavy 18:00 Intervention 19:00 Sell This House 19:30 The Locator 20:00 Gene Simmons: Family Jewels 21:00 Boris Yeltsin 22:00 Four Heavenly Kings: Andy Lau 23:00 Intervention 00:00 Obsessed AXN 62 12:15 13:05 14:00 14:55 15:45 16:35 17:30 18:20 19:15 20:10 21:05 22:00 22:55 23:50 00:45

Csi: Crime Scene Investigation House Wipeout Numb3Rs Csi: Crime Scene Investigation Hawaii Five-O Chuck Ncis: Los Angeles Csi: Miami The Amazing Race: Unfinished Business Chuck Csi: Miami Ncis: Los Angeles Chuck Ncis: Los Angeles

STAR WORLD 63 12:35 DC Cupcakes 13:05 Rules of Engagement 13:35 Grey’s Anatomy 15:25 Desperate Housewives 16:20 Parenthood 17:15 Live To Dance 18:10 Melissa & Joey 18:40 Masterchef Australia 19:05 DC Cupcakes 19:35 Cougar Town 20:00 Australia’s Next Top Model 20:55 Got To Dance UK 21:50 Desperate Housewives 22:45 Masterchef Australia 23:40 How I Met Your Mother 00:05 Australia’s Next Top Model Informação Macau Cable TV


QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

14

PUB.


OPINIÃO

QUARTA-FEIRA 13.7.2011 www.hojemacau.com.mo

15 a p a l i ça d a Correia Marques

Ir ao fundo e voltar à tona Ai, Portugal, Portugal De que é que tu estás à espera? Tens um pé numa galera E outro no fundo do mar Ai, Portugal, Portugal Enquanto ficares à espera Ninguém te pode ajudar.

Já vou de grilhões nos pés Já vou de algemas nas mãos De colares ao pescoço Perdido e achado Vendido em leilão Eu fui a mercadoria Lá na praça de Mocá [...]

Jorge Palma, «Portugal, Portugal»

Fausto Bordalo Dias, «Navegar, navegar»

R ao fundo e voltar à tona era o que eu fazia na minha infância quando mergulhava nos fundões do rio da minha aldeia, na pesca à toca. Naquela altura, antes da construção da Barragem da Aguieira, o Mondego, no verão, quase secava, restando no seu leito alguns fundões onde os barbos adultos (de pele bem escura e escamosa, precisamente por viverem longe da luz do sol) se abrigavam debaixo das grandes pedras. E, era nesses fundões que nós mergulhávamos, sem escafrando a plenos pulmões, para apanhar à mão os peixes nessas tocas. Mas eram necessárias paciência e persistência porque muitas das tocas tinham mais do que um buraco de saída, escapatórias por onde o peixe se esquivava sempre que sentia o aproximar das nossas mãos tentando enfiar-lhe os dedos nas guelras que era a melhor maneira de eles não se escaparem por entre as mãos, dada a oleosidade das suas escamas. Às vezes tínhamos, também, uma ou outra surpresa não muito agradável que era vir-nos à mão uma inofensiva, mas viscosa e repugnante cobra de água. Quando isso acontecia arrepiava-me, pois toda a vida abominei répteis, não pelo medo, mas pelo asco que me metem. A juventude e a ausência (ainda) de fumo permitiam-me ficar cerca de dois minutos debaixo de água, em apneia. Mas esse tempo por vezes era curto para a quantidade de peixe ao alcance das mãos e tinha de dar um pontapé no fundo do poço e regressar exausto à superfície. Era o saber de experiência feito, o instinto animal de sobrevivência. E, tudo isto me veio à memória, com a notícia de que uma poderosa, mas desprezível agência de notação financeira, classificou a dívida soberana portuguesa como «lixo». Desprezível a atitude desta agência porque, por exemplo, imediatamente antes da crise financeira de 2008, essa mesma agência classificava a Lehman Brothers com a mais alta notação. E porque continua a classificar a dívida dos Estados Unidos da América (à

beira do incumprimento se o Congresso não aceder em aumentar o rácio da sua dívida pública face ao PIB) com elevados níveis de credibilidade. Afrontosa, e suspeita no tempo escolhido, a notação referida, porque feita apesar do acordo de Portugal com o Fundo Monetário Internacional, com o Banco Central Europeu e com a União Europeia e sem levar em conta os esforços de Portugal, com um governo de maioria estável e com o maior partido da oposição comprometido com a sua assinatura no acordo com a tróica para, ainda que com muita dor, honrar os seus compromissos. D. João de Castro que, na Índia, empenhou as próprias barbas para conseguir um empréstimo para a reconstrução da fortaleza de Diu, avaliza-nos, em termos históricos. Mas estes senhores americanos não têm história, por isso são arrogantes e, muito menos são bons em geografia, daí que cometam muitos erros estratégicos. Também agora deram um tiro no pé através da Moody´s (assim o espero) porquanto não para de aumentar o coro de posições contra o poder de manipulação das três agências de notação norte-americanas. Uma das últimas

I

é da comissária europeia para a Justiça Viviane Reding: «A Europa não pode permitir que o euro seja destruído por três empresas privadas norte-americanas. […] Só vejo duas soluções, ou os Estados do G-20 decidem desmantelar o cartel das três agências de rating norte-americanas, e de três agências fazer seis, por exemplo, ou criar agências de rating independentes na Europa e na Ásia». Com o que deixei dito não pretendo escamotear as dificuldades nem branquear os erros e as responsabilidades dos políticos- e porque não do povo que os foi elegendo e vivendo acima das nossas posses- portugueses, apenas, e tão só, realçar que a questão é mais profunda e exige uma reação imediata e firme da Europa. Só que essa reação tarda em aparecer. E tarda porque o problema da Europa não é apenas económico, mas sim político. E aí os defensores das ideias e dos projetos que levaram ao atual estado de coisas terão muitas dificuldades em emendar a mão, são como o escorpião: está-lhes na massa do sangue. O projeto europeu, se quiser continuar a sê-lo, tem de ser solidário e social e não se pode vergar ao poder dos mercados financeiros especulativos. Mas para isso é necessário que os povos europeus se consciencializem de que o problema (e não a solução) está nas políticas ultraliberais, mesmo quando, os governos que as praticam se auto intitulam de socialistas ou de social-democratas. A seguir, se estes abutres do capital financeiro especulativo não forem metidos na ordem imediatamente, será a Itália (a campanha contra a Itália já está em curso) e a Espanha (os juros da sua dívida já dispararam).

O projeto europeu, se quiser continuar a sê-lo, tem de ser solidário e social e não se pode vergar ao poder dos mercados financeiros especulativos. Mas para isso é necessário que os povos europeus se consciencializem de que o problema (e não a solução) está nas políticas ultraliberais, mesmo quando, os governos que as praticam se auto intitulam de socialistas ou de socialdemocratas Pressinto que estamos (Portugal) num fundão maior do que aqueles onde eu mergulhava na pesca à toca no verão da minha meninice. É que esse meu divertimento era individual e eu entrava e saía da água quando me apetecia. Agora, à beira de irmos ao fundo (os juros da dívida soberana já ultrapassaram, nalguns prazos, a barreira insuportável e inimaginável dos 20%, o que prova à saciedade que o problema não é deste ou daquele governo) não dependemos apenas de nós para voltar à tona. Necessitamos do apoio dos bombeiros para nos salvarmos. Só que, como as corporações europeias não têm um comando único e determinado, e o seu equipamento de salvamento é obsoleto, temo que o socorro não chegue a tempo, sejamos engolidos pela corrente, e o afogamento seja inevitável. Oxalá eu me engane e os políticos europeus tenham a coragem e a visão suficientes para tomarem- já- as medidas necessárias, sem hesitações nem tibiezas, para evitarem a tragédia da Europa. Mas, para isso, é preciso lembrar-lhes que as pessoas estão primeiro e que o mercado é perverso e que, quando toma o freio nos dentes, é incontrolável, como o cavalo. Urge lançar o laço para domar o cavalo à solta, mas duvido da firmeza de mãos dos laçadores. E aí? Resta-nos a terra e o mar, a língua, a coragem das gentes que há-de vir à tona como sempre aconteceu nos momentos difíceis da nossa história, e a lusofonia e a capacidade de conhecimento do Mundo que nos advém da nossa história.

Propriedade Fábrica de Notícias, Lda Director Carlos Morais José Editor Vanessa Amaro Redacção Filipa Queiroz; Gonçalo Lobo Pinheiro; Joana Freitas; Patrícia Ferreira, Rodrigo de Matos; Virginia Leung Colaboradores António Falcão; Carlos Picassinos; José Manuel Simões; Marco Carvalho; Maria João Belchior (Pequim); Rui Cascais; Sérgio Fonseca Colunistas Arnaldo Gonçalves; Boi Luxo; Correia Marques; Gilberto Lopes; Hélder Fernando; João Miguel Barros, Jorge Rodrigues Simão; José I. Duarte, José Pereira Coutinho, Luís Sá Cunha, Marinho de Bastos; Paul Chan Wai Chi; Pedro Correia Cartoonista Steph Grafismo Catarina Lau; Paulo Borges Ilustração Rui Rasquinho Agências Lusa; Xinhua Fotografia António Falcão, Gonçalo Lobo Pinheiro; António Mil-Homens; Lusa; GCS; Xinhua Secretária de redacção e Publicidade Laurentina Silva (publicidade@hojemacau.com.mo) Assistente de marketing Vincent Vong Impressão Tipografia Welfare Morada Av. Dr. Rodrigo Rodrigues nº 600 E, Centro Comercial First Nacional, 14º andar, Sala 1407 – Macau Telefone 28752401 Fax 28752405 e-mail info@hojemacau.com.mo Sítio www.hojemacau.com.mo


c a rtoon por Steff

ITÁLIA JUNTA-SE AO CLUBE

Cheong Kuoc Vá descarta responsabilidades

Vida privada vale suicídio

E

M declarações aos jornalistas durante o dia de ontem, o secretário para a Segurança, Cheong Kuoc Vá, atribuiu as cinco recentes mortes de agentes do CPSP por alegado suicídio a questões pessoais. O responsável máximo pela área da Segurança descarta assim qualquer responsabilidade na morte dos agentes numa altura que se falava de questões relacionadas com pressões no trabalho. Seja como for, os polícias vão agora ter um maior acompanhamento psicológico, com possibilidade de pedido de transferência de serviço caso não se sintam bem com as funções que lhe estão atribuídas, prometeu Cheong Kuok Va. “O

CPSP tudo irá fazer para reduzir pressões que possam haver”, acrescentou. Depois de vários dias sem qualquer tipo de explicação, o secretário para a Segurança refuta, assim, a tese de más condições de trabalho que tem sido aventada pelos agentes e colegas dos mortos. O deputado da Assembleia Legislativa (AL) José Pereira Coutinho já tinha pedido satisfações ao Governo por interpelação escrita afirmando que muitos cidadãos estranhavam as causas da morte de jovens agentes, não obstante o aumento anual das Forças de Segurança de Macau (FSM) e do número de efectivos. Pereira Coutinho questionou, na

COREANA EM PROTESTO INSÓLITO

RÚSSIA CRUZEIRO NÃO TINHA AUTORIZAÇÃO O navio de cruzeiro que, no domingo, se afundou no rio Volga, na Rússia, não tinha licença para transportar passageiros, informou a Procuradoria. Os últimos dados disponíveis indicavam que o naufrágio terá provocado a morte de mais de cem pessoas, entre as quais largas dezenas de crianças. “Estava ao serviço há 56 anos. Foi remodelado há 30 anos, em 1980. Não tinha licença para transportar passageiros. O motor esquerdo estava avariado e tinha excesso de carga”, refere um comunicado da Procuradoria citado pela AFP.

www.hojemacau.com.mo

CATÁSTROFES RECORDE BATIDO EM 2011 Os danos materiais provocados pelas catástrofes naturais de 2011 superam os registados em todo o período de 2005, considerado o ano recorde de prejuízos. De acordo com números divulgados ontem pela seguradora alemã Munich Re, os danos acumulados até Junho alcançaram 265 mil milhões de dólares, acima dos 220 mil milhões de todo o ano de 2005. As maiores perdas foram as do terramoto e posterior tsunami que atingiram o Japão em Março deste ano, com um prejuízo estimado em 210 mil milhões de dólares, qualificando o episódio como a catástrofe natural com maior impacto económico da história.

EUA CIA TENTA ADN DE BIN LADEN Com uma falsa campanha de vacinação, agentes da CIA que prepararam o raide que culminou na morte de Bin Laden, em Maio, no Paquistão, tentaram descobrir ADN da família do líder da Al-Qaeda. A CIA recrutou um médico paquistanês para levar a cabo uma falsa campanha de vacinação contra a hepatite B na cidade onde se julgava estar escondido o Bin Laden. O objectivo da operação era obter amostras de ADN de membros da família de Bin Laden, com vista a compará-las com as amostras de uma irmã, que morreu em Boston, em 2010.

TECNOLOGIA PREVISTA MORTE DA APPLE São palavras fortes as que Jiochi Ito, CEO da CreativeCommons e novo director do Media Lab do MIT lançou contra a empresa de Steve Jobs. “A Apple morrerá”, alertou o homem. O executivo diz que a gigante só atingiu o patamar em que actualmente está por ter aproveitado a debilidade da Microsoft. Além de empreendedor, Jiochi Ito é um activista da Internet dedicado à causa do open source e da neutralidade da net. O empreendedor acredita ainda que por se basear num sistema fechado a Apple está condenada, algo que, defende, já se pode ver com o crescimento da popularidade do sistema operativo móvel Android, da Google.

QUARTA-FEIRA 13.7.2011

188 dias numa grua Uma sul-coreana passou ontem o 188.º dia consecutivo numa grua para protestar contra a supressão maciça de postos de trabalho num estaleiro naval da Coreia do Sul, disseram funcionários. Kim Jin-suk, de 52 anos, antiga funcionária do estaleiro naval Hanjin Heavy Industries and Construction, não sai de uma grua gigante com 35 metros de altura desde Janeiro, na cidade de Busan (sul), de acordo com a agência noticiosa francesa AFP. A electricidade que alimenta a grua foi cortada mas Kim continua a enviar mensagens para a rede social Twitter através de um telemóvel alimentado por energia solar. O conflito começou em Dezembro quando 900 trabalhadores sindicalizados entraram em greve para

protestar contra um plano de supressão de 400 postos de trabalho. A empresa respondeu com o encerramento do estaleiro. Direcção e trabalhadores assinaram depois um acordo que previa a saída de 310 funcionários com o pagamento de compensações, mas 90 rejeitaram a proposta, indicou Ryu Janghyun, responsável sindical. No sábado, milhares de manifestantes desfilaram em Busan para demonstrar o apoio aos trabalhadores despedidos. A polícia usou canhões de água para dispersar os manifestantes e deteve 50 pessoas. “Mesmo se as cadeias de televisão e outros ‘media’ fecham os olhos ao nosso conflito, continuaremos a falar no Twitter e no Facebook”, declarou Kim à imprensa.

altura, quais os “fundamentos e base científica” para a conclusão, “logo no dia seguinte” à morte do agente da Polícia de Segurança Pública (PSP), que foi encontrado sem vida a 22 de Março junto a um queimador de carvão, de que estaria em causa um suicídio motivado por problemas pessoais. No mesmo mês, o cadáver de outro agente da PSP foi encontrado no reservatório, com a Polícia Judiciária a adiantar desde logo que o homem teria posto termo à vida. Na resposta a Coutinho, o chefe do gabinete do secretário para a Segurança, Vong Chun Fat, não deu conta dos fundamentos exigidos e resguardou-se no “caso de suicídio” com respeito à morte dos agentes mortos.

PORTUGAL DOIS ANOS DE RECESSÃO PROFUNDA Com o consumo privado a sofrer mais do que na crise de 1983 e o investimento a cair a pique, Portugal vai enfrentar este ano e no próximo uma recessão prolongada e profunda, prevê o Banco de Portugal no seu boletim económico de Verão. O PIB vai contrai-se dois por cento em 2011 e 1,8% em 2012. No acordo com a troika, projectase uma quebra de 2,2% em 2011 e de 1,8% em 2012. CIÊNCIA APAGAR MÁS LEMBRANÇAS DO CÉREBRO Cientistas suecos afirmam que reprimir lembranças entre elas, as más - por muito tempo pode fazer com que as esqueçamos completamente. Mais: o cérebro é capaz de ser treinado para realizar tal feito. Essa é a conclusão da pesquisa realizada por uma equipa da Universidade Lund, na Suécia. Segundo esta, o domínio da “técnica do esquecimento” seria útil para as pessoas que sofrem de depressão ou de stress pós-traumático. CHINA CONDIÇÕES DESUMANAS EM FÁBRICAS As condições de trabalho nas fábricas chinesas do sector da electrónica que produzem para as grandes marcas mundiais são “desumanas”, refere um relatório da organização de defesa dos direitos humanos China Labor Watch. O documento debruçase sobre dez das fábricas que trabalham para as grandes marcas mundiais, como a Dell, IBM, Ericsson, Philips, Microsoft, Apple, HP e Nokia. Em nove das dez fábricas analisadas, “os operários não ganham um salário que lhes permita cumprir apenas as horas de trabalho normais, sendo forçados a cumprir um elevado número de horas extra”.


Hoje Macau 13 JUL 2011 #2409