Page 1

CENTRO CULTURAL VILA FLOR —— CENTRO INTERNACIONAL DAS ARTES JOSÉ DE GUIMARÃES —— CASA DA MEMÓRIA —— CENTRO DE CRIAÇÃO DE CANDOSO —— ESPAÇO OFICINA —— FÁBRICA ASA —— CAAA CENTRO PARA OS ASSUNTOS DA ARTE E ARQUITETURA —— 2018


Em julho, Guimarães convida vimaranenses e visitantes a vestirem-se de branco, na noite de verão mais aguardada do ano. A noite é longa e para que seja inesquecível contamos com a presença de todos. Neste mês de temperaturas finalmente mais amenas, também a Casa da Memória e o Centro Internacional das Artes José de Guimarães convidam à participação do público e da cidade. A programação destes espaços culturais inclui diversas atividades, de presença obrigatória! Na noite de 07 de julho, basta não faltar à regra e vestir Guimarães de branco. A cidade não vai parar quando a playlist dos dj’s convidados começar a tocar. O Largo João Franco, a Praça de S. Tiago, o Largo de Donães, a Rua de Sto. António e a Plataforma das Artes e da Criatividade convertem-se em pistas de dança a céu aberto e as animações que percorrem as ruas da cidade prometem dar uma inigualável vivacidade a esta noite de pura diversão. Símbolo incontornável da festa, o Trio Elétrico vai arrastar Guimarães e, quando estacionar, ninguém vai querer parar de dançar. Na Casa da Memória (CDMG), antecipando a chegada da Contextile 2018, Conceição Rios, coordenadora científica desta Bienal de Arte Têxtil, será a Guia de Visita de julho. No dia 21, artistas e comunidade local partilham histórias e rituais, em conversas, algumas mágicas, e outras tecidas. Estas Magic Talks, levadas a cabo pela Ideias Emergentes | Contextile 2018, em parceria com a Casa da Memória de Guimarães, inserem-se no projeto e plataforma europeia Magic Carpets, cujo objetivo é promover a mobilidade de artistas e curadores emergentes e o trabalho com as comunidades locais. No final do mês, a CDMG apresenta, ainda, Momento 2, uma exposição de antigos alunos do curso de Artes da Escola Secundária Martins Sarmento, que apresenta um conjunto de obras que medeiam entre o tempo de aulas (1988 a 2002) e a atualidade. Depois da inauguração de novas exposições, a 29 de junho, uma visita ao CIAJG é obrigatória. Neste novo ciclo, o Centro Internacional das Artes José de Guimarães apresenta uma exposição integralmente dedicada à reunião de projetos inéditos de Julião Sarmento, nunca antes vistos ou nunca produzidos, que cobrem todo o percurso de um dos mais destacados artistas portugueses. Por sua vez, o piso dedicado à coleção permanente recebe, no seu contexto, uma mostra de desenhos e trabalhos em vídeo de Pedro A.H. Paixão, apresentados em articulação com um projeto sonoro especificamente concebido para o espaço expositivo. No piso inferior, o CIAJG acolhe Lábios de Flamingo, uma exposição realizada em colaboração com o serviço de Educação e Mediação Cultural, que propõe uma releitura da história da arte. No dia 12 de julho, destaque para a conversa com Ann Hamilton no âmbito da residência que a artista norte-americana fará no CIAJG para preparar a intervenção que concebeu para a Contextile 2018. A 14 de julho, o Museu abre as portas ao Mercado e, dentro e fora, há objetos incríveis para conhecer. Objetos com histórias e memórias, feitos de segredos e sentidos, com diferentes tamanhos e desenhos, uns de luz e outros de escuridão. Espetáculos, instalações, visitas e oficinas, todos em estreia absoluta, convidam ao espanto neste Mercado de Objetos Incríveis, organizado pela Educação e Mediação Cultural da Oficina. Um Mercado e um Museu com um programa para todos!


P 27

SEGUNDA 02 A SEXTA 06 · CCVF / SALA DE ENSAIOS

TEMPO SUSPENSO ADRIANA CAMPOS

P 19

SÁBADO 07 · CDMG

GUIA DE VISITA

CONCEIÇÃO RIOS P 06

SÁBADO 07 · VÁRIOS LOCAIS DA CIDADE

P 28

SEGUNDA 09 A SEXTA 13 · CIAJG / VÁRIOS ESPAÇOS

NOITE BRANCA ESTRANHOFONE

SAMUEL COELHO E CÉSAR ESTRELA P 10

QUINTA 12 · CIAJG

P 22

SÁBADO 14 · PLATAFORMA DAS ARTES / CIAJG

P 20

SÁBADO 21 · CDMG

CONVERSA COM ANN HAMILTON MERCADO DOS OBJETOS INCRÍVEIS MAGIC TALKS

4


P 21

28 JULHO A 30 SETEMBRO · CDMG

MOMENTO 2

CONTRA A LETARGIA DOS ALUNOS EM RELAÇÃO À ARTE P 08

ATÉ 28 JULHO · CCVF / PALÁCIO VILA FLOR

NON-FICTION ANDRÉ PRÍNCIPE

P 11

ATÉ 12 AGOSTO · CIAJG

P 26

ATÉ 30 SETEMBRO · CDMG

P 12

ATÉ 07 OUTUBRO · CIAJG

LÁBIOS DE FLAMINGO PERGUNTA AO TEMPO JULIÃO SARMENTO

LEOPARD IN A CAGE PROJETOS INÉDITOS (1969-2018) P 14

ATÉ 07 OUTUBRO · CIAJG

PEDRO A.H. PAIXÃO MUNDO FLUTUANTE TRABALHOS: 1996-2018

P 16

TODO O ANO · CIAJG

TEORIA DAS EXCEÇÕES ENSAIO PARA UMA HISTÓRIA NOTURNA COLEÇÃO PERMANENTE E OUTRAS OBRAS

P 18

TODO O ANO · CDMG

CASA DA MEMÓRIA

EXPOSIÇÃO TERRITÓRIO E COMUNIDADE

5


SÁBADO 07

© Paulo Pacheco

VÁRIOS LOCAIS DA CIDADE MÚSICA / 20H00-03H00

6


NOITE BRANCA Guimarães volta a vestir-se de branco na noite mais emblemática do calendário de verão. PROGRAMA LARGO JOÃO FRANCO DJ WILSON HONRADO (RÁDIO COMERCIAL) —

PRAÇA DE S. TIAGO DJ ANA ISABEL ARROJA (RÁDIO COMERCIAL) —

LARGO DE DONÃES DJ ROB WILLOW (CIDADE FM) —

RUA DE STO. ANTÓNIO DJS EDUARDO DUARTE / TIAGO TT / ANDRÉ ROCHA —

PLATAFORMA DAS ARTES E DA CRIATIVIDADE DJ NELSON MIGUEL (M80) —

LARGO DA MUMADONA ATÉ AO LARGO DO TOURAL TRIO ELÉTRICO > DJ NUNO LUZ (RÁDIO COMERCIAL) — Todas as idades Entrada livre

Na noite de 07 de julho, vimaranenses e visitantes obedecem ao dress code e Guimarães volta a transformar-se num enorme palco com música para todos os gostos, para dançar, sem parar, até de madrugada. O Largo João Franco, a Praça de S. Tiago, o Largo de Donães, a Rua de Sto. António e a Plataforma das Artes e da Criatividade convertem-se em pistas de dança a céu aberto e as animações que percorrem as ruas da cidade trazem um brilho ainda mais especial ao evento. Símbolo incontornável da festa, o Trio Elétrico fará o habitual percurso entre o Largo da Mumadona e o Largo do Toural, contagiando a cidade com a sua energia vibrante, na noite mais animada do verão! Guimarães will once again be dressed in white for the most emblematic evening of the summer calendar. The night of July 7th, Guimarães residents and visitors must obey the dress code as the city is once again transformed into an enormous stage with music to appeal to all sorts of tastes, inviting all to dance until the wee hours of the morning. Converted into open-air dance floors will be the Largo João Franco, the Praça de S. Tiago, the Largo de Donães, the Rua de Sto. António and the Platform for the Arts and Creativity, with entertainment flowing through the streets of city bringing an even more special glow to the event. An indispensable symbol of the festivities, the Trio Elétrico will repeat its habitual route between the Largo da Mumadona and the Largo do Toural, permeating the city with its vibrant energy on the most fun-filled night of the summer!

MUSEUS ABERTOS ATÉ À MEIA-NOITE CENTRO INTERNACIONAL DAS ARTES JOSÉ DE GUIMARÃES MUSEU DA SOCIEDADE MARTINS SARMENTO MUSEU DE ALBERTO SAMPAIO Os museus do centro da cidade associam-se à Noite Branca, abrindo as suas portas até à meia-noite. Não perca a oportunidade de visitar as suas exposições. The museums of the center of the city are associated with the White Night, opening its doors until midnight. Do not miss the opportunity to visit their exhibitions. 7


05 MAIO A 28 JULHO

CCVF / PALÁCIO VILA FLOR EXPOSIÇÃO

NON-FICTION

ANDRÉ PRÍNCIPE

Com a exposição de André Príncipe, o Centro Cultural Vila Flor pretende dar a conhecer uma obra que, inexplicavelmente, não tem a merecida visibilidade. As fotografias de André Príncipe combinam pensamento, utopia, esperança, consciência, sonho, imaginação... embora assumam estes elementos de forma velada, como sombras informes, fantasmas. Os temas abordados expandem-se em diversas direções, vestígios de um mundo imperfeito, impuro, injusto, cruel... com o qual o artista se confrontou, por vezes de maneira violenta. A realidade dos factos em cada representação age por contraposição, tentando inverter a ordem estabelecida pelo discurso politicamente correto. As imagens dirigem-se às pessoas, propondo soluções alternativas indiretas ou ideias de mudança invertidas; não podendo escapar ao exterior, misturam-se com ele, ficando anos e anos submersas em composições subjetivadas, num inconsciente escondido, calado, anónimo...

8


Horário da Exposição terça a sábado 10h00-13h00 14h00-19h00

9

— Todas as idades Preço 2,00 eur / 1,00 eur c/d Cartão Quadrilátero Cultural

Vista da Exposição Non Fiction · © Paulo Pacheco

With the inauguration of the André Príncipe exhibition, the Vila Flor Cultural Center is aiming to present the work of an artist who, inexplicably, has not yet earned the level of visibility that he deserves. André Príncipe’s photographs bring together thought, utopia, hope, awareness, dreaming, and imagination even though these elements may assume the form of shapeless shadows and ghosts in a veiled way. The themes in question go off into different directions, the vestiges of an imperfect, impure, unjust and cruel world that confronts the artist, and many times violently. The reality of the facts in each representation acts in counter-position, trying to invert the order established by politically correct discourse. The images are directed at people, proposing alternative or indirect solutions or inverted ideas for change; unable to escape the exterior they blend with him, remaining for years and years submersed in subjective compositions in a hidden, silent, anonymous unconsciousness…


QUINTA 12 CIAJG CONVERSA / 18H30

CONVERSA COM ANN HAMILTON

Fotografia de Gerardo Gaetani, cortesia de The American Academy in Rome

— Entrada livre Todas as idades

The CIAJG will host a conversation with Ann Hamilton as part of the American’s artist-in-residence at the Centre and in preparation for the intervention she has prepared for Contextile 2018 – Biennial of Contemporary Textile, which will be held in Guimarães from September 1st to October 20th. Ann Hamilton (USA, 1956) is a visual artist internationally recognized for the sensory surrounds of her large-scale multi-media installations. Noted for a dense accumulation of materials, her ephemeral environments create immersive experiences that poetically respond to the architectural presence and social history of their sites.

O CIAJG promove uma conversa com Ann Hamilton no âmbito da residência que a artista norte-americana fará no Centro para preparar a intervenção que concebeu para a Contextile 2018 - Bienal de Têxtil Contemporânea, que irá decorrer entre 01 de setembro e 20 de outubro, em Guimarães. Ann Hamilton (EUA, 1956) é uma artista visual reconhecida internacionalmente pelo envolvimento sensorial das suas instalações multimédia em grande escala. Reconhecíveis por uma acumulação densa de materiais, os seus ambientes efémeros criam experiências imersivas que respondem poeticamente à presença arquitetónica e à história social dos locais onde intervém.

10


LÁBIOS DE FLAMINGO

29 JUNHO A 12 AGOSTO CIAJG / SALA #13 EXPOSIÇÃO

Curadoria Nuno Faria — Horário da Exposição terça a domingo 10h00-13h00 14h00-19h00 — Todas as idades Preço 4,00 eur / 3,00 eur c/d Cartão Quadrilátero Cultural

Direitos Reservados

 Preço Visita ao CIAJG  + Visita à Casa  da Memória  5,00 eur /   3,50 eur c/d

Exposição realizada em colaboração com o serviço de Educação e Mediação Cultural que propõe uma releitura da história da arte através de um dispositivo de apresentação elementar – imagens retroprojetadas – e que se apresenta como um museu imaginário, um museu de todos os museus, problematizando a questão da reprodução e da migração das imagens.

29 JUNHO A 05 JULHO O RINOCERONTE DO SENHOR DURERO

20 A 26 JULHO EU NÃO SEI DESENHAR

06 A 12 JULHO ENTRE O MUSEU E O MERCADO, ESCOLHO O MERCADO

27 JULHO A 03 AGOSTO KARAWANE JOLIFANTO BAMBLA O FALLI BAMBLA

13 A 19 JULHO PODE A ESCULTURA MUDAR O MUNDO?  

04 A 12 AGOSTO OS SELVAGENS

11

This exhibition carried out in collaboration with Education and Cultural Events Services offers a re-reading of art history through a simple classroom device – the overhead projector – which will show images that present an imaginary museum, a museum of all museums, and will take up the question of the reproduction and migration of images.


29 JUNHO A 07 OUTUBRO CIAJG / SALAS #9-11 EXPOSIÇÃO

JULIÃO SARMENTO

LEOPARD IN A CAGE PROJETOS INÉDITOS (1969-2018)

Exposição integralmente dedicada à reunião de projetos inéditos, nunca antes vistos ou nunca produzidos, que cobrem todo o percurso de Julião Sarmento, um dos mais destacados artistas portugueses de cuja obra, no que concerne a alguns períodos e por contingências várias, paradoxalmente não temos registo. É esse exercício de reconstituição que os curadores da exposição fazem juntamente com o artista. This exhibition is dedicated solely to bringing together unique works by Julião Sarmento – never before seen or never before produced pieces – which cover the career of one of the most prominent Portuguese artists, with these works related to certain periods and various areas which we paradoxically have little record of. The exhibition curators have collaborated with the artist to bring this exercise of reconstitution to fruition.

 Preço Visita ao CIAJG  + Visita à Casa  da Memória  5,00 eur /   3,50 eur c/d Julião Sarmento · Leão, 1975 · Cortesia do artista

Curadoria Filipa Oliveira e Nuno Faria — Horário da Exposição terça a domingo 10h00-13h00 14h00-19h00 — Todas as idades Preço 4,00 eur / 3,00 eur c/d Cartão Quadrilátero Cultural


Pedro A.H. Paixão · Little Diamond Crown (Nina Simone in memoriam), 2015 · Cortesia Coleção Manuel de Brito

29 JUNHO A 07 OUTUBRO

CIAJG / SALAS #2-8 EXPOSIÇÃO

14


PEDRO A.H. PAIXÃO

MUNDO FLUTUANTE TRABALHOS: 1996-2018

Curadoria Nuno Faria — Horário da Exposição terça a domingo 10h00-13h00 14h00-19h00 — Todas as idades Preço 4,00 eur / 3,00 eur c/d Cartão Quadrilátero Cultural —  Preço Visita ao CIAJG  + Visita à Casa  da Memória  5,00 eur /   3,50 eur c/d

Nesta exposição antológica, os desenhos e os trabalhos em vídeo de Pedro A.H. Paixão estarão expostos em contexto nas salas dedicadas à coleção permanente do CIAJG, apresentados em articulação com um projeto sonoro especificamente concebido para o espaço expositivo. In this anthology-style exhibition, the drawings and video works of Pedro A.H. Paixão will be on display in the context of the rooms dedicated to the CIAJG permanent collection, presented in articulation with a sound project specifically conceived for the exhibition space.

15


TODO O ANO

CIAJG / SALAS #1-8 EXPOSIÇÃO

TEORIA DAS EXCEÇÕES ENSAIO PARA UMA HISTÓRIA NOTURNA

: Vista da exposição © Filipe Farinha / Stills

COLEÇÃO PERMANENTE E OUTRAS OBRAS

Circular logic, the eternal return, repetition and difference: the new montage from the permanent collection on display in 2018 returns to the map drawn out in at the inaugural exhibition at the José de Guimarães International Arts Centre-CIAJG, “Beyond History”. The notion is to follow a timeless project but fully aware of the time frame in question, affirmatively contemporary without being exclusively made up of contemporary art objects. Its nature is porous, impure, open and circular, seeking out possible nexus, relationships, and points of permanence; in other words, it probes the imperceptible that historical time – so marked by a selective and fatally vulgar memory – manages to purge in the end.

Lógica circular, eterno retorno, repetição e diferença: a nova montagem da coleção permanente, vigente durante o ano de 2018, regressa ao mapa delineado pela exposição inaugural do CIAJG, “Para além da história”. Trata-se de prosseguir um projeto sem tempo plenamente consciente do tempo em que é realizado, afirmativamente contemporâneo sem ser exclusivamente constituído por objetos de arte contemporânea. A sua natureza é ser transversal, poroso, impuro, aberto e circular, procurando nexos, relações, permanências; por outras palavras, sonda o impercetível que o tempo histórico, tão marcado por uma memória seletiva e fatalmente grosseira, acaba por expurgar.

16


CARTÃO AMIGO CIAJG O cartão AMIGO CIAJG foi criado para juntar a comunidade em torno de um projeto museológico sem fronteiras e que reúne objetos de diferentes culturas, tempos e lugares. Queremos que o CIAJG seja um ponto de encontro, um lugar sem limites para a reflexão, onde a única regra seja a do prazer de ver e de pensar, a liberdade de formar um pensamento próprio. Ambicionamos tornar o CIAJG um lugar de referência na cidade, na região, à escala nacional e internacional, e para atingir esse ambicioso objetivo precisamos de si. Bem-vindos ao CIAJG: um museu com a forma do mundo!

Obras de / Works by José de Guimarães, Ernesto de Sousa, Franklin Vilas Boas, Rosa Ramalho, Jaroslaw Fliciński e/and Arte Africana, Arte Pré-Colombiana e Arte Chinesa Antiga da Coleção de José de Guimarães — Horário da Exposição terça a domingo 10h00-13h00 14h00-19h00 Todas as idades — Preço 4,00 eur / 3,00 eur c/d Cartão Quadrilátero Cultural  Preço Visita ao CIAJG  + Visita à Casa  da Memória  5,00 eur /   3,50 eur c/d

VALOR DA ANUIDADE Cartão AMIGO CIAJG INDIVIDUAL 50,00 eur Cartão AMIGO CIAJG FAMÍLIA 75,00 eur (pai, mãe e filhos)

FORMAS DE ADESÃO A adesão ao Cartão AMIGO CIAJG poderá ser efetuada na bilheteira do Centro Internacional das Artes José de Guimarães. Para tornar mais cómodo o processo de adesão, o CIAJG disponibiliza-lhe ainda um formulário online em www.ciajg.pt, que depois deverá ser submetido por e-mail para amigo@ciajg.pt.

• Acesso gratuito às atividades para famílias do CIAJG (até ao limite da lotação disponível mediante marcação prévia com, pelo menos, 48 horas de antecedência através do e-mail mediacaocultural@aoficina.pt); • 10% de desconto em todas as compras na loja do CIAJG (exceto produtos à consignação); • 25% de desconto na compra de edições do CIAJG; • Convites para as inaugurações, lançamentos de catálogos e outros eventos; • Envio de newsletters regulares sobre a programação do CIAJG;

REGALIAS Como forma de estímulo, o cartão AMIGO CIAJG reserva várias regalias aos seus portadores: • Entrada livre nas exposições do CIAJG; • 50% de desconto nas visitas orientadas às exposições do CIAJG (por marcação através do e-mail mediacaocultural@ aoficina.pt); • Visita exclusiva com o Diretor Artístico do CIAJG para Amigos, por ciclo expositivo; • Museu Fora de Horas: encontros/leituras seguidas de conversa sobre questões de arte contemporânea;

17

• Parque de estacionamento gratuito na Plataforma das Artes e da Criatividade, sempre que for visitar as exposições do CIAJG, num período máximo de 2 horas, condicionado à lotação do parque; • 50% de desconto nos espetáculos na Plataforma das Artes e da Criatividade (espetáculos promovidos pela Oficina); • Entrada livre nas exposições do Palácio Vila Flor.


TODO O ANO

CASA DA MEMÓRIA EXPOSIÇÃO / TERRITÓRIO E COMUNIDADE

CASA DA MEMÓRIA

© Paulo Pacheco

Horário terça a domingo 10h00-13h00 14h00-19h00 — Todas as idades Preço 3,00 eur /  2,00 eur c/d Cartão Quadrilátero Cultural

A Casa da Memória de Guimarães é um centro de interpretação e conhecimento que dá a conhecer, através da exposição Território e Comunidade, a memória de um lugar e vários dos seus prismas. Situada na antiga fábrica de plásticos Pátria, na Av. Conde Margaride, é um local de encontro, acolhimento, partilha e reflexão sobre Guimarães: no espaço expositivo da Casa da Memória poderá encontrar imagens, histórias, documentos e objetos que permitem conhecer diferentes aspetos da comunidade vimaranense através de um largo arco temporal: da Pré-História à Fundação da Nacionalidade, passando pelas Sociedades Rurais e Festividades e Industrialização do Vale do Ave, até à Contemporaneidade. Mais do que uma visita, a Casa da Memória oferece aos visitantes uma experiência, através de uma viagem por memórias coletivas e individuais.

18

The Casa da Memória of Guimarães is a center of interpretation and knowledge that exposes, through the exhibition Territory and Community, the memory of a place and its several perspectives. Located in the old plastic factory Pátria, in Av. Conde Margaride, is a place where citizens of Guimarães share and reflect on their roots, traditions and memories. Casa da Memória brings together a set of stories, documents, facts and objects enabling us to get to know different aspects of the community from Prehistory to the Dawn of Portugal’s Nationhood, from Rural Societies and Festivities to the Industrialization of the Ave River Valley and Contemporary Times. More than a contemplative visit, Casa da Memória offers an experience to the visitors, through a journey by the collective and individual memories.


Direitos Reservados

Todas as idades — Atividade gratuita, com limite de participação condicionada ao espaço existente

SÁBADO 07

CDMG · VISITA/CONVERSA PELA EXPOSIÇÃO PERMANENTE DA CASA DA MEMÓRIA / 17H00

GUIA DE VISITA CONCEIÇÃO RIOS

Antecipando a chegada da Contextile 2018 à Casa da Memória, Conceição Rios (Santa Maria da Feira, 1955), Coordenadora Científica desta Bienal de Arte Têxtil, é a Guia de Visita de julho. Entre as artes e a filosofia, tem, ao longo dos anos, desenvolvido trabalhos comunitários no norte de Portugal, nos mais variados domínios. Coordenou e produziu o Programa Cultural, em Melgaço, na apresentação da candidatura a Património Imaterial da Humanidade da UNESCO, das Tradições Orais Luso-Galaicas.

Anticipating the arrival of Contextile 2018 to the Casa da Memória, Conceição Rios (Santa Maria da Feira, 1955), Scientific Coordinator of this Textile Art Biennial, has been asked to present July’s Guided Tour. Working in areas of the arts and philosophy, Conceição Rios over the years has developed community projects in the north of Portugal in a variety of fields. She coordinated and produced the Cultural Programming for the City of Melgaço in the presentation of the candidacy of Luso-Galician Oral Traditions for UNESCO Intangible Cultural Heritage.

19


Direitos Reservados

— Maiores de 12 Atividade gratuita, com limite de participação condicionada ao espaço existente

PROGRAMA 09H30-11H00

Lavadouro/tanque Trás de Gaia O lavadouro/tanque público: da história ao uso e rituais Conversas animadas e mágicas 11H00-13H00

Casa da Memória Magic Talks / Carpets (Virginja Vitkiene) Projeto CDMG / Trás de Gaia 13H00-15H00

Terraço da Casa da Memória Magic Pic Nic 15H00-17H00

Magic Visits – o têxtil na exposição da Casa da Memória 17H30-19H00

Lavadouro/tanque de S. Gualter Performance: usos e rituais + conversas de roupa suja Refresco na ribeira

SÁBADO 21

CDMG · CONVERSAS / 09H30-19H00

MAGIC TALKS Artistas e comunidade local partilham histórias e rituais, em conversas, algumas mágicas, e outras tecidas. Estas conversas integram um projeto colaborativo de pesquisa, interação e residência artística (com as artistas residentes Hermionne Alsopp, UK e Ida Blazicko, Croacia) e com a comunidade de Trás de Gaia, tendo como referência os rituais e costumes dos lavadouros públicos. Desta forma, promovem-se novas relações com a comunidade e outras leituras sobre o território e o pensamento artístico e criativo em torno do têxtil. A ação, levada a cabo pela Ideias Emergentes | Contextile 2018, em parceria com a Casa da Memória de Guimarães (CDMG), insere-se no projeto e plataforma europeia Magic Carpets, cujo objetivo é promover a mobilidade de artistas e curadores emergentes e o trabalho com as comunidades locais. Artists and the local community share stories and rituals in conversations, some magical and others woven together. These conversations are part of a collaborative project of research, interaction and artistic residency (with artists-in-residence Hermionne Alsopp [UK] and Ida Blazicko, [Croatia]) together with the community from Trás de Gaia, with their focus on the rituals and customs of the public wash-house. This event will promote new relationships with the community and other critical readings on the concept of territory and artistic and creative thought related to textiles. The action, coordinated by Ideias Emergentes | Contextile 2018, in partnership with the Casa da Memória de Guimarães (CDMG), is part of the project and European platform entitled ‘Magic Carpets’, whose objective is to support the mobility of emerging artists and curators and to promote work with local communities.

20


Direitos Reservados

— Todas as idades Entrada livre

28 JULHO A 30 SETEMBRO

CDMG · EXPOSIÇÃO TEMPORÁRIA / INAUGURAÇÃO: SÁBADO 28 JULHO, ÀS 17H00

MOMENTO 2 CONTRA A LETARGIA DOS ALUNOS EM RELAÇÃO À ARTE

Depois do primeiro encontro de antigos alunos do curso de Artes da Escola Secundária Martins Sarmento, que deu origem à exposição de alguns dos seus trabalhos no Museu de Alberto Sampaio, a Casa da Memória acolhe o “Momento 2”: uma exposição que apresenta um conjunto de obras que medeiam entre o tempo de aulas (1988 a 2002) e a atualidade. Estas criações – desenho, pintura, fotografia e instalação, entre outras – refletem sobretudo os lados do testemunho e do manifesto: uma prova do forte impacto da educação artística no percurso de vida de cada um destes antigos alunos. On the heels of the first encounter of the former students of Art from the Martins Sarmento Secondary School (which resulted in the exhibition of their work at the Alberto Sampaio Museum), the Casa da Memória now welcomes “Momento 2”, an exhibition that presents a set of works that mediate between the artists’ time in school (1988 to 2002) and the present day. These creations – drawings, paintings, photography and installations, among others – reflect, in particular, the notion of testimony and manifesto, itself proof of the strong impact of artistic education on the life-path of each of these former Guimarães students.

21


© Paulo Pacheco

EDUCAÇÃO E MEDIAÇÃO CULTURAL

SÁBADO 14 PLATAFORMA DAS ARTES / CIAJG ESPETÁCULOS/INSTALAÇÕES/VISITAS/OFICINAS

MERCADO DOS OBJETOS INCRÍVEIS O Museu abre as portas ao Mercado e, dentro e fora, há objetos incríveis para conhecer. Objetos com histórias e memórias, feitos de segredos e sentidos, com diferentes tamanhos e desenhos, uns de luz e outros de escuridão. Espetáculos, instalações, visitas e oficinas, todos em estreia absoluta, num tempo e num lugar que convidam ao espanto. Um Mercado e um Museu com um programa para todos! A abertura do Mercado dos Objetos Incríveis acontece, às 15h30, com a instalação “Estranhofone”, interpretada pelos participantes da oficina de férias, que decorre entre 09 e 13 de julho, no CIAJG. The museum has opened its doors to the Market, and both inside and outside, there are incredible objects to behold. Objects with histories and memories, made of secrets and feelings, with different sizes and designs, some made of light and others of darkness. Shows, installations, visits, and workshops – all being premiered for the first time, on an occasion and at a venue that invites awe. A Market and a Museum with a programme that has something for everyone! The opening of The Market of Incredible Things will take place at 15h30 with the installation “Estranhofone” (“Strange-o-Phone”), performed by the participants of the holiday workshop, held at CIAJG from July 9th to the 13th.

22

— Público-Alvo Todos os Públicos Entrada Gratuita


PROGRAMA 16H00-21H00

A PARTIR DAS 15H30

VISITAS E OFICINAS

ESTRANHOFONE · SAMUEL COELHO E CÉSAR ESTRELA

Este programa especial de visitas orientadas e oficinas criativas transportam o interior do CIAJG para o centro da PAC, e vice-versa, onde todos são convidados a descobrir, questionar e construir objetos.

Sons marginais, sem interesse, sem qualificação e acesso à academia de música. Estatuto de barulho, desafinados, poderão ser escutados vezes ao dia, não se faz caso. A pulsação de uma tarefa, de uma máquina, o suspiro da rotina, a tagarelice da natureza, o anexo que não é lido, versos vazios. Objetos despejados, fora do prazo, inúteis. O encanto caiu, a pele descolorou, enrugou, já não faz barulho, já não dá gozo. Estranho! Na sombra, na sedução entre som marginal e objeto despejado, pulsa uma melodia, levanta-se um estranhofone.

This special programme of guided visits and creative workshops will transport the inside of the CIAJG to the core of the PAC and vice-versa, in an event where all are invited to discover, question, and construct objects. Criação e Orientação Francisco Neves, João Terras, Juliana Sá, Maria Côrte-Real e Melissa Rodrigues

Apoio Criativo Visitas Nuno Preto Apoio Criativo Oficinas Marina Palácio

Marginal sounds, of little interest, untrained and unstudied at the Music Academy. Just noises, out-of-tune, they can be heard numerous times a day, you would hardly notice. The pulse of some task, the hum of a machine, the sigh of routine, the chatter of nature, the attachment that is unread, empty verses. Discarded objects, out-dated, of no use. No longer charming, colour faded, wrinkled, unable to make sounds, it’s no fun anymore. Strange! In the shadow, in the seduction between a marginal sound and a toss-away object there is a melody which pulses when you lift up the strange-o-phone. Criação Samuel Coelho e César Estrela 23


EDUCAÇÃO E MEDIAÇÃO CULTURAL PROGRAMA 16H00-18H00 E 19H00-21H00 GUARDAR SEGREDO · AMARELO SILVESTRE “Guardar Segredo” é um conjunto de Espetáculos de teatro. Espetáculos que acontecem dentro de um guarda-fatos. Um guarda-fatos colocado no Espaço Público. No Espaço Público existem muitas pessoas. Muitas pessoas não cabem dentro do guarda-fatos. Dentro do guarda-fatos apenas cabe 1 pessoa. 1 pessoa. 1 pessoa é a medida certa para assistir a um dos espetáculos de “Guardar Segredo”. Aos outros espetáculos de “Guardar Segredo” assistem outras pessoas. Outras pessoas não, 1 outra pessoa. E depois mais 1 outra pessoa. E depois outra e outra. O que se irá passar lá dentro é coisa que não deve ser sabida por mais ninguém. Sendo assim, o melhor é dizer apenas que “Guardar Segredo” é um conjunto de espetáculos de teatro. Não é segredo que cada espetáculo tem 5 minutos de duração. 1 espetador, 1 ator, 5 minutos. “Guardar Segredo” (“Keeping Secret”) is a set of theatrical shows. Shows that happen inside a wardrobe. A wardrobe set up in the Public Space. In the Public Space there are many people. Many people cannot fit inside this wardrobe. Inside the wardrobe only 1 person can fit. 1 person. 1 person is just the right size to see one of the shows in “Keeping Secret”. The other shows in “Keeping Secret” will be seen by other people. Other people, no, 1 other person. And then 1 more person. And then another and then another. What happens inside is something that no other person can know. That’s why it’s best to call “Keeping Secret” a set of theatrical shows. It’s no secret that each show is 5 minutes long. 1 spectator, 1 actor, 5 minutes.

24

Criação Amarelo Silvestre Encenação Caroline Bergeron Dramaturgia Fernando Giestas Interpretação Ana Lúcia Palminha, Edi Gaspar, Rafaela Santos, Sofia Dias Conceção Dispositivo Cénico Henrique Ralheta Construção de Cenografia Carolina Reis Desenho de Luz Jorge Ribeiro Registo Vídeo Eva Ângelo

Fotografia Fernando Carqueja Gestão Administrativa Paula Trepado Produção Executiva Susana Rocha Apoio As Casas do Visconde Coprodução Amarelo Silvestre e Câmara Municipal de Nelas Estrutura financiada pelo Governo de Portugal – Ministério da Cultura/Direção Geral das Artes


18H00-19H00 (MICRO-ESPETÁCULOS) 21H00-22H00 (ESPETÁCULO FINAL) OBJETOTECA POPULAR ITINERANTE · TEATRO DE FERRO O que têm para contar um canivete suíço, uma reprodução da Guernica, uma música pop dos anos oitenta ou Moby Dick, a carrinha branca? A nossa Objetoteca Popular Itinerante vai andar por aí para nos falar sobre tudo isto e muito mais! Estes e outros objetos vão circular pelos espaços da cidade – feiras e outros ajuntamentos populares até estacionar momentaneamente na Plataforma das Artes e da Criatividade. A Objetoteca Popular Itinerante é ela própria um objeto híbrido – é a partir do encontro amoroso entre uma biblioteca itinerante e uma carrinha da feira que se faz esta performance pública da enciclopédia popular dos objetos do quotidiano. Este espetáculo é a primeira peça do ciclo A Revolta dos Objetos que o Teatro de Ferro irá desenvolver em 2018-2019. What do a Swiss Army knife, a reproduction of ‘Guernica’, a 1980s pop song, or Moby Dick have to tell us, little white car? Our Objetoteca Popular Itinerante (The People’s Traveling Object-Library) is wandering around to speak about this and much more! These and other objects will circulate through different spaces in the city – fairs and other popular gathering places – until parking for a short time at the Platform of the Arts and Creativity. The People’s Traveling ObjectLibrary is itself a hybrid object: a loving mix of traveling library and a type of van making a public appearance as a people’s encyclopaedia of every-day objects. This show is the first piece in a cycle entitled A Revolta dos Objetos (The Revolt of the Objects) which the Teatro de Ferro is developing for 2018-2019. Direção Artística Igor Gandra e Carla Veloso Texto, Dramaturgia e Conceção Cenográfica Igor Gandra Realização Plástica da Cenografia e Adereços Eduardo Mendes Artista Convidada Gisela Matos

Desenho de Luz Mariana Figueroa Vídeo Teatro de Ferro e Carlota Gandra Consultores Teóricos José Alberto Ferreira, Magda Henriques e Mário Amaral Acompanhamento Crítico Bruno Monteiro

Registo Fotográfico Susana Neves Oficina de Construção Eduardo Mendes, Daniela Gomes e Nádia Soares (estagiária EP CJ Campanhã) Produção Carla Veloso Design de Comunicação Gráficos do Futuro

Agradecimentos Circolando – CACE Cultural (em confirmação) Coprodução Teatro de Ferro e Câmara Municipal do Porto Estrutura financiada pela República Portuguesa – Cultura, Direção-Geral das Artes

25


Direitos Reservados

EDUCAÇÃO E MEDIAÇÃO CULTURAL

12 JUNHO A 30 SETEMBRO CDMG EXPOSIÇÃO TEMPORÁRIA

PERGUNTA AO TEMPO A exposição Pergunta ao Tempo é o resultado de um longo processo de investigação sobre o património cultural, desenvolvido pelas crianças do 4º ano dos 14 agrupamentos de escolas do concelho de Guimarães. O património cultural local, na sua materialidade e imaterialidade, a reflexão sobre a memória e as formas como a representamos, recolhemos e tratamos, envolveram as crianças, as suas famílias, os/as professores/as e a comunidade local. Dentro da própria exposição permanente da Casa da Memória, os objetos, as histórias e os testemunhos recolhidos pelas crianças coabitam e dialogam com cada um dos núcleos expositivos. The exhibition Pergunta ao Tempo (“Asking Time”) is the result of a long process of researching the local cultural heritage, carried out by 4th grade students from 14 primary schools in the Concelho (County) of Guimarães. Cultural heritage (in its material and immaterial nature) and the reflection on memory and the forms we use to represent, collect and treat it, were themes which involved the children, their families, the teachers, and the local community. In the Casa da Memória’s permanent collection, the objects, stories, and testimonies collected by the students cohabitate and enter a dialogue with each one of the exhibition areas.

26

Coordenação Marta Silva Acompanhamento Raul Pereira Apoio Criativo Matilde Seabra e Rita Faustino — Horário terça a domingo, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 Todas as idades Entrada livre


Direitos Reservados

OFICINAS DE FÉRIAS

SEGUNDA 02 A SEXTA 06 CCVF / SALA DE ENSAIOS OFICINA DE CRIAÇÃO ARTÍSTICA – TEATRO

TEMPO SUSPENSO ADRIANA CAMPOS

A Assembleia da CidadeDeTodosOsTempos informa que, ao longo do dia de hoje, o tempo ficará suspenso, permitindo que cada habitante possa escolher um tempo para ficar e possa ainda fazer dos agoras, dos antes ou dos depois de amanhã uma infinidade de mundos… fingindo que está, sonhando que vai, inventando que volta. Esta oficina fora do tempo inspira-se em Mia Couto, António Portillo, Alan Lightman e Michael Ende, para criar breves momentos performativos, a partir da exploração de texto, voz e corpo. Cá dentro e lá fora. The Assembly of CidadeDeTodosOsTempos announces that for the entire day today time is suspended, allowing each inhabitant to choose a time to stay in and to create an infinity of worlds from the nows, the yesterdays and the days after tomorrow… pretending about where you are, dreaming about where you’re going, inventing that you’ll return. This workshop on suspended time is inspired by the works of Mia Couto, António Portillo, Alan Lightman and Michael Ende and with the goal being to create short performances exploring texts, the voice and the body. Both inside and out. Público-alvo Jovens 6 – 15 anos Duração 22 horas e 30 minutos Lotação 16 participantes Preço 30,00 eur (sem almoço) / 55,00 eur (com almoço)

Horário Acolhimento 09h00-10h00 Oficina 10h00-12h30 e 14h30-16h30 Saída 17h00-18h00 Apresentação pública final sexta 06 julho, 18h00

Inscrição até 25 de junho, no Centro Cultural Vila Flor ou no Centro Internacional das Artes José de Guimarães

27


OFICINAS DE FÉRIAS INSCRIÇÕES EM 2 OFICINAS DE FÉRIAS 50,00 eur

(sem almoço) / Direitos Reservados

95,00 eur

SEGUNDA 09 A SEXTA 13 CIAJG / VÁRIOS ESPAÇOS OFICINA DE CRIAÇÃO ARTÍSTICA – CONSTRUÇÃO SONORA

ESTRANHOFONE SAMUEL COELHO E CÉSAR ESTRELA

Para escutar e observar, para re-escutar e re-observar, para reconfigurar, redimensionar, para reutilizar e revalorizar, para descobrir e redescobrir, para fazer e refazer, para experimentar, para tocar. Este é o processo de contacto com um estranhofone, dispositivo com potencial sonoro invulgar ou dissemelhante. Para construir esta estranhofonia, usam-se barulhos marginais e objetos fora de prazo. E, para dar o tom, há que operar som e objeto, abstrato e concreto, música e escultura, objeto falante e objeto cénico. No final, apresentam-se melodias e outras estranhezas em público. To listen and observe, to re-listen and re-observe, to reconfigure, to re-dimension, to reuse and re-value, to discover and rediscover, to do and redo, to experiment and to touch. This is what happens when you come in contact with a ‘strange-o-phone’, a device with an unusual potential for odd or dissimilar sounds. To build this ‘strange-o-phone’, marginal sounds and out-dated objects will be used. And to give it tone, we need to operate both sound and object, abstract and concrete, music and sculpture, speaking object and scenic object. The end result appears when melodies and other bits of peculiarities are performed in public.

28

(com almoço)

Público-alvo Jovens 6 – 15 anos Duração 22 horas e 30 minutos Lotação 16 participantes Preço 30,00 eur (sem almoço) / 55,00 eur (com almoço) Horário Acolhimento 09h00-10h00 Oficina 10h00-12h30 e 14h30-16h30 Saída 17h00-18h00 Apresentação pública final sábado 14 julho, 15h30 Inscrição até 02 de julho, no Centro Internacional das Artes José de Guimarães ou no Centro Cultural Vila Flor


Direitos Reservados

ATIVIDADES PERMANENTES

TODO O ANO

TODO O ANO

VISITAS ORIENTADAS

OFICINAS CRIATIVAS

CCVF | CIAJG | PALÁCIO VILA FLOR | CDMG

CCVF | CIAJG | PALÁCIO VILA FLOR | CDMG

VISITA CONJUNTA CIAJG + CDMG

Estas experiências criativas são desafios para descobrir, questionar, experimentar e criar, a partir de novas linguagens e saberes. Entre artes visuais e artes performativas, do património material ao património imaterial, sugerem-se espaços de liberdade e de saber-fazer, com artistas, artesãos, professores, crianças, jovens e outros aventureiros.

Um teatro, um museu, um palácio e uma casa. Todos de portas e janelas abertas para a cidade e para o mundo, num convite à entrada de pessoas e ideias. Cá dentro, encontram histórias e sentidos que nascem do encontro com objetos, tempos e lugares extraordinários. Cada visita é única, com um percurso desenhado à medida da curiosidade de cada um. A theatre, a museum, a palace and a house – all with doors and windows wide open to the city and to the world, each one inviting people and ideas to come in. Inside, you will find stories and feelings which are born of the encounter with objects, by-gone times, and extraordinary places. Each visit is a unique experience, with its path and dimension madeto-order and thus suited to each person’s depth of curiosity. CCVF | Palácio Vila Flor Terça a sábado, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 (a última visita terá início às 17h30) — CIAJG | CDMG Terça a domingo, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 (a última visita terá início às 17h30)

Criação e Orientação Francisco Neves, João Lopes, João Terras, Juliana Sá, Maria Côrte-Real, Marta Silva, Melissa Rodrigues, Miguel Teixeira e Rita Faustino Público-alvo Maiores de 3 Duração c. 90 min. Lotação mín. 10 / máx. 25 pessoas

Preços Visitas Orientadas 1,50 eur a 2,00 eur (grupos escolares) e 4 eur (outros grupos)Preços Visitas Conjuntas 2,00 eur (grupos escolares) e 5,00 eur (outros grupos Marcação com, pelo menos, uma semana de antecedência, através de telefone 253424700 ou e-mail mediacaocultural@ aoficina.pt

These creative experiences are challenges to discover, to inquire, to experience and to create, based on new languages and new knowledge. In the area between the visual and the performing arts, between the material and the immaterial heritage, a space is created for freedom and know-how, with artists, artisans, teachers, children, and other adventurers. Programa Vai e Vem: 1 visita a um dos espaços + 1 oficina na escola ou instituição Terça a sexta, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 (a última visita terá início às 17h30)

29

Criação e Orientação Adélia Faria, Álvaro Dinis Mendes, Conceição Ferreira, Fernanda Braga, Francisco Neves, Isabel Oliveira, João Terras, Juliana Sá, Liliana Duarte, Maria Côrte-Real Melissa Rodrigues e Rita Faustino

Público-alvo Maiores de 3 Duração 90 min. a 2 horas Lotação mín. 10 / máx. 25 pessoas Preço 2,00 eur — Marcação com, pelo menos, uma semana de antecedência, através de telefone 253424700 ou e-mail mediacaocultural@ aoficina.pt


JULHO

CCVF / GRANDE AUDITÓRIO 21H45 Bilheteira da responsabilidade do Cineclube de Guimarães

CINEMA ORGANIZAÇÃO CINECLUBE DE GUIMARÃES

DOMINGO 01 ILHA DOS CÃES DE WES ANDERSON COM BRYAN CRANSTON (VOZ), KOYU RANKIN (VOZ), EDWARD NORTON (VOZ), BILL MURRAY (VOZ), GRETA GERWIG (VOZ), FRANCES MCDORMAND (VOZ), SCARLETT JOHANSSON (VOZ), HARVEY KEITEL (VOZ) 2018 | M/11 | 101 MIN. Num futuro não muito distante, na fictícia cidade japonesa de Megasaki, a população canina atingiu proporções tão alarmantes que o presidente da Câmara, um homem ambicioso e sem escrúpulos, decidiu expulsar todos os cães e colocá-los numa enorme lixeira isolada. Nesse lugar, os animais tentam sobreviver, já sem esperança de regressar à sua antiga vida. Até que um dia, pilotando uma pequena avioneta, lhes aparece Atari, um rapaz de 12 anos que ali chega determinado a encontrar Spots, o seu adorado cão. Os rafeiros, animados com a sua chegada, resolvem ajudá-lo a procurar o amigo perdido. Assim começa uma grande amizade que acabará por mudar o rumo dos acontecimentos…

DOMINGO 15 TULLY DE JASON REITMAN COM CHARLIZE THERON, MACKENZIE DAVIS, MARK DUPLASS, RON LIVINGSTON 2018 | M/12 | 96 MIN. Com o nascimento do seu terceiro filho, Marlo sente-se absolutamente esgotada. Quando vê que atingiu o limite das suas capacidades, aceita um conselho do irmão e contrata uma ama para cuidar do bebé durante a noite. É assim que Tully, uma jovem doce e bem-intencionada, entra na vida daquela família. Percebendo os efeitos de uma boa noite de sono, Marlo sente-se revigorada. Entre as duas mulheres nasce então uma amizade estreita, baseada numa confiança e companheirismo inesperado que dará a Marlo a força e esperança que tanto necessitava…

Direitos Reservados

30


CAAA CENTRO PARA OS ASSUNTOS DA ARTE E ARQUITETURA

CRIAÇÃO E CIRCULAÇÃO ··················································· RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS CENTRO DE CRIAÇÃO DE CANDOSO (CCC) ···················································

Direitos Reservados

02 A 13 JULHO OBJETOTECA POPULAR ITINERANTE TEATRO DO FERRO ·············································· 16 A 20 JULHO O MEU MUNDO AQUI DENTRO NUNO PRETO

16 JUNHO A 28 JULHO EXPOSIÇÃO COLETIVA

··················································· CRIAÇÃO ···················································

UNIDADE E DIVISÃO “Esta é uma exposição de fotografias – de imagens materializadas, portanto – daqueles que durante um ano, juntos, percorreram caminhos. Quem está neste Ci.CLO – das coisas, da fotografia, do fazer – mostra aqui o que chamamos o culminar de um processo, que aparentemente individual, todavia se consolida a partir de um grupo. A Ci.CLO Plataforma de Criação, que reúne estes fotógrafos, foi o lugar onde se encontraram, para acompanhados desenvolverem projetos fotográficos a partir de uma abordagem exigentemente experimental e transversal. As dinâmicas do grupo e das imaginações individuais foram sendo despertadas e discutidas por convidados de áreas diferentes da fotografia, bem como de outras áreas (geografia, psicologia, teatro...) numa perspetiva de enriquecimento cruzado e consolidação técnica, artística e de aprofundamento.” Rita Castro Neves “This is an exhibition of photography of materialized images, of images which during the course of a year, together, went in search of their path. Whoever is present in this Ci.CLO – of things, photography, of doing – demonstrates what we call the culmination of a process that is apparently individual although it is consolidated based on a group. The Ci.CLO Platform for Creation, which has brought these photographers together, was their meeting place to develop photographic projects based on a demanding experimental and transversal approach. Both group dynamics and individual imaginations were awakened in rousing discussions with guests from different fields of photography as well as other areas (geography, psychology, theatre…) in a framework of professional enrichment to blend and strengthen technical and artistic consolidation.”Rita Castro Neves Autores representados Daniel Magalhães, Douglas Rogerson, Francisco Gomes,

João Monteiro, Luís Preto, Maria Rodrigues, Marisa Bernardes, Mide Plácido, Telmo Sá

Bilheteira da responsabilidade do CAAA

31

07 JULHO MUNDO INTERIOR JOÃO GARCIA MIGUEL E JOÃO PAULO SANTOS TEATRO MUNICIPAL DO PORTO


N101 BRAGA

CIAJG

CASA DA MEMÓRIA

Av. Conde Margaride

Av. Conde Margaride

HOSPITAL

A11 BRAGA

CAAA Rua Padre Augusto Borges de Sá

CCVF Av. D. Afonso Henriques

GUIMARÃES SHOPPING

ESPAÇO OFICINA Av. D. João IV

GUIMARÃES ESTAÇÃO CP CCC Rua de Moure

SÃO MARTINHO DE CANDOSO

ESTAÇÃO COVAS CP

A7 PORTO FÁBRICA ASA

Rua da Estrada Nacional 105

A7

COVAS - POLVOREIRA N105 PORTO IP9 A7 VILA REAL

··········································································································································································································································································································································································· CCVF CENTRO CULTURAL VILA FLOR AV. D. AFONSO HENRIQUES, 701 | 4810 431 GUIMARÃES | N 41.4371, W 8.295442 ··········································································································································································································································································································································································· CIAJG CENTRO INTERNACIONAL DAS ARTES JOSÉ DE GUIMARÃES AV. CONDE MARGARIDE, 175 | 4810 535 GUIMARÃES | N 41.443249, W 8.297915 ··········································································································································································································································································································································································· CDMG CASA DA MEMÓRIA DE GUIMARÃES AV. CONDE MARGARIDE, 536 | 4835 073 GUIMARÃES | N 41.442569, W 8.300333 ············································································································································································································································································································································································ CCC CENTRO DE CRIAÇÃO DE CANDOSO RUA DE MOURE | SÃO MARTINHO DE CANDOSO | 4835 382 GUIMARÃES | N 41.4 28015, W 8.337961 ··········································································································································································································································································································································································· ESPAÇO OFICINA AV. D. JOÃO IV, 1213 CAVE | 4810 532 GUIMARÃES | N 41.435082, W8.291821 ··········································································································································································································································································································································································· FÁBRICA ASA – BLACK BOX RUA DA ESTRADA NACIONAL 105 | COVAS - POLVOREIRA | 4835 157 GUIMARÃES | N 41.419431, W 8.303167 ··········································································································································································································································································································································································· CAAA CENTRO PARA OS ASSUNTOS DA ARTE E ARQUITETURA RUA PADRE AUGUSTO BORGES DE SÁ | 4810 523 GUIMARÃES | N 41.438922, W 8.29868 ···········································································································································································································································································································································································


VENDA DE BILHETES • oficina.bol.pt • www.ccvf.pt • Centro Cultural Vila Flor •C  entro Internacional das Artes José de Guimarães • Casa da Memória •M  ultiusos e Complexo de Piscinas de Guimarães • Lojas Fnac, El Corte Inglés, Worten • Entidades aderentes da bilheteira online

DESCONTOS (C/D) •C  artão jovem, menores de 30 anos e estudantes; •C  artão municipal de idoso, reformados e maiores de 65 anos; •C  artão municipal das pessoas com deficiência; • Deficientes e acompanhante;

DESCONTO CARTÃO CENTRO DE CIÊNCIA VIVA • Visita à Casa da Memória 1,50 eur • Visita ao Centro Internacional das Artes José de Guimarães 2,00 eur

INFORMAÇÕES E RESERVAS • Pedidos de informação e reservas de bilhetes poderão ser efetuados através do telefone 253 424 700 ou do e-mail bilheteira@aoficina.pt •A  s reservas deverão ser obrigatoriamente levantadas num período máximo de 5 dias após a reserva. •Q  uaisquer reservas deverão ser levantadas até 2 dias antes da data do espetáculo. Após estes períodos serão automaticamente canceladas.

HORÁRIO DE BILHETEIRA Centro Cultural Vila Flor segunda-feira das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 Local Serviços Administrativos terça-feira a sábado das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 Local Palácio Vila Flor

Em dias de espetáculo Duas horas antes até 30 minutos após o seu início Local Bilheteira Central Centro Internacional das Artes José de Guimarães terça-feira a domingo das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 Em dias de espetáculo Uma hora antes até 30 minutos após o seu início Casa da Memória terça-feira a domingo das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00

VISITAS ORIENTADAS Centro Cultural Vila Flor terça-feira a sábado das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 Centro Internacional das Artes José de Guimarães terça-feira a domingo das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 Casa da Memória terça-feira a domingo das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 Marcação prévia através do e-mail mediacaocultural@aoficina.pt

SERVIÇO DE BABY-SITTING Espaço Oficina, Centro de Criação de Candoso e Fábrica Asa Uma hora antes do espetáculo até 30 minutos após o seu início

LOJAS Loja CIAJG Av. Conde Margaride, 175 4810 535 Guimarães Telefone 253 424 715 Horário de Funcionamento terça-feira a domingo das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00 Venda de Produtos Artesanais Contemporâneos e Publicações

ESTACIONAMENTO Centro Cultural Vila Flor 150 lugares em parque subterrâneo Centro Internacional das Artes José de Guimarães 70 lugares em parque subterrâneo

Centro Cultural Vila Flor Funcionamento em dias de espetáculo e durante o período de apresentação Dos 3 aos 9 anos Capacidade máxima 20 crianças Preço 1 euro

VISITE AS NOSSAS PÁGINAS NAS REDES SOCIAIS facebook.com/GUICUL twitter.com/GUICUL_ youtube.com/GUICUL facebook.com/CIAJG facebook.com/TeatroOficina.Guimaraes facebook.com/cdmguimaraes

NEWSLETTERS ELETRÓNICAS Se desejar receber as nossas newsletters eletrónicas, subscreva este serviço em www.ccvf.pt, www.ciajg.pt e www.casadamemoria.pt Alterações O programa e os preços apresentados nesta agenda poderão estar sujeitos a alterações.

Contactos Centro Cultural Vila Flor Tlf +351 253 424 700 · geral@ccvf.pt · www.ccvf.pt Centro Internacional das Artes José de Guimarães Tlf + 351 253 424 715 · www.ciajg.pt Casa da Memória Tlf +351 253 424 716 · casadamemoria@aoficina.pt · www.casadamemoria.pt Presidente da Direção Adelina Paula Pinto Assistente de Direção Anabela Portilha Direção Artística João Pedro Vaz Programação Ana Lúcia Figueiredo (Educação e Mediação Cultural), Catarina Pereira (Casa da Memória de Guimarães), Ivo Martins (Guimarães Jazz e Área Expositiva do Palácio Vila Flor), João Pedro Vaz (Teatro Oficina), Nuno Faria (Centro Internacional das Artes José de Guimarães), Rui Torrinha (Centro Cultural Vila Flor) Educação e Mediação Cultural Ana Lúcia Figueiredo (Direção), Carla Oliveira, João Lopes, Marta Silva, Vera Santos Produção Pedro Silva (Direção), Andreia Abreu, Andreia Novais, Hugo Dias, Nuno Ribeiro, Rui Salazar, Sofia Leite, Susana Pinheiro Técnica José Patacão (Direção), Carlos Ribeiro, Helena Ribeiro, João Castro, Nuno Eiras, Sérgio Sá Serviços Administrativos / Financeiros Helena Pereira de Castro (Direção), Susana Costa, Marta Miranda, Ana Carneiro, Liliana Pina Instalações Luís Antero Silva (Direção), Jacinto Cunha, Joaquim Mendes (Manutenção e Logística), Amélia Pereira, Anabela Novais, Cristina Marques, Conceição Leite, Conceição Oliveira, Rosa Fernandes, Maria Conceição Martins, Maria Fátima Faria (Manutenção e Limpeza) Comunicação e Marketing Marta Ferreira (Direção), Bruno Barreto, Carlos Rego, Susana Magalhães, Susana Sousa, Eduarda Fontes (Design Interno), Andreia Martins, Cláudia Fontes, Jacinta Correia, Josefa Cunha, Marisa Moreira, Sylvie Simões (Atendimento ao Público) Património e Artesanato Catarina Pereira (Direção), Inês Oliveira, Felicidade Bela (Olaria) | julho 2018


Z

30 28 26 24 22 20 18 16

19 21 23 25 27 29 31 33

M

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

X

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27 29 31

L

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

V

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29 31 33

J

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

U

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27 29 31

I

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

T

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29 31 33

H

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

S

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27 29 31

G

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

R

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29 31 33

F

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

Q

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27 29 31

E

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

P

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29 31 33

D

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

O

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27 29 31

C

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

N

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29 31 33

B

16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

M

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27 29 31

A

12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11

14 12 10

13 15 17

L

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29 31 33

K

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27 29 31

J

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29 31 33

I

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27 29 31

H

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29 31 33

G

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27 29 31

F

30 28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29 31 33

E

28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27 29

D

28 26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29 31

C

28 26 24 22 20 18 16

B

26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17

19 21 23 25 27 29

A

26 24 22 20 18 16

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

17 19 21 23 25 27

AC

14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15

PALCO / STAGE

17 19 21 23 25 27 29

20 18 16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17 19 21

AB

20 18 16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17 19

AA

20 18 16 14 12 10 8 6 4 2 1 3 5 7 9 11 13 15 17 19 21

PALCO // STAGE PALCO STAGE

CENTRO CULTURAL VILA FLOR GRANDE AUDITÓRIO E PEQUENO AUDITÓRIO GRAND AUDITORIUM AND SMALL AUDITORIUM

PALCO / STAGE A B C D E F G H I J K

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

18 16 14 12 10

8 6 4 2 1 3 5 7

9 11 13 15 17

CENTRO INTERNACIONAL DAS ARTES JOSÉ DE GUIMARÃES BLACK BOX

A B C D E F G H I J K L

23 21 19 17

15 13 11 9 7 5 3 1 2 4 6 8 10 12 14 16

18 20 22 24

23 21 19 17

15 13 11 9 7 5 3 1 2 4 6 8 10 12 14 16

18 20 22 24

23 21 19 17

15 13 11 9 7 5 3 1 2 4 6 8 10 12 14 16

18 20 22 24

23 21 19 17

15 13 11 9 7 5 3 1 2 4 6 8 10 12 14 16

18 20 22 24

23 21 19 17

15 13 11 9 7 5 3 1 2 4 6 8 10 12 14 16

18 20 22 24

23 21 19 17

15 13 11 9 7 5 3 1 2 4 6 8 10 12 14 16

18 20 22 24

23 21 19 17

15 13 11 9 7 5 3 1 2 4 6 8 10 12 14 16

18 20 22 24

23 21 19 17

15 13 11 9 7 5 3 1 2 4 6 8 10 12 14 16

18 20 22 24

23 21 19 17

15 13 11 9 7 5 3 1 2 4 6 8 10 12 14 16

18 20 22 24

23 21 19 17

15 13 11 9 7 5 3 1 2 4 6 8 10 12 14 16

18 20 22 24

23 21 19 17

18 20 22 24

23 21 19 17

18 20 22 24

FÁBRICA ASA BLACK BOX

34


35


Central de Informação | 2018

Guimarães Arte e Cultura | julho 2018  
Guimarães Arte e Cultura | julho 2018  
Advertisement