Page 1

Ano II Abr/Mai 2012 Edição Nº 09 Distribuição Gratuita

E

09

CN

dição de ara ova: estamos em comemoração, um novo modelo gráfico e editorial pra você!

Mamãe sabe tudo!

Ana Paula Araújo Nascida no Bairro, na Clínica Dr. Aloan, revela um dos sonhos da filha, ser porta-bandeira

Tim-tim O Cadeg comemora 50 Anos de atividades

0800 ou quase As dicas do mês de Alaíde Pires

Momento do Chef Inove com a receita do Bacalhau Gratinado

Tem de tudo no

comércio da Barreira


DIREÇÃO Andrea Oliveira Carlos Bacelar Daniela Ferraz Vilma Barbosa

UMA REVISTA NOVA E ACOLHEDORA

MARKETING Carlos Bacelar ADM/FINANCEIRO Andrea Oliveira Nadia Cruz DIRETOR DE CRIAÇÃO Giovanni Benjamim

A casa é uma extensão do nosso habitat. Por isso, nada mais natural do que vesti-la de acordo com o estilo dos moradores. Nesta edição de número nove, você vai

DIRETOR DE ARTE André Faria ASSISTENTE DE CRIAÇÃO Nicolas Barni REPRESENTANTE COMERCIAL Antonio Ferrete

encontrar um projeto gráfico mais

COLUNISTAS Alaíde Pires

leve e moderno, em uma revista pra

(Jornalista / Repórter)

lá de recheada com os melhores

(Chef Gourmet)

negócios e serviços do bairro, entre

(Médico Especialista em Ginecologia e Obstetrícia)

outros novinhos que aqui estão chegando. Vai poder ler excelentes matérias com nossos colunistas e tem gente nova no pedaço. E pra você que, ainda não faz parte dessa casa, aprecie e venha fazer parte dessa revista novinha que acabou de sair do forno.

Cezar Copquel Dr. José Elias Aloan João Paulo Paiva (Designer Gráfico / Fashion Designer)

Rossana Estrella (Personal Organizer / Designer de Interiores / Arquitetura)

Sidésio Correia (Graduado em Educação Física / Medicina Esportiva / Fisioterapia / Pós-Graduado em Nutrição Esportiva)

PROJETO GRÁFICO Giovanni Benjamim por Cherol Studios www.cherolstudios.com.br Distribuição Gratuita em condomínios, casas e comércio de São Cristóvão, Benfica, Caju, Maracanã, Praça da Bandeira, 24 de Maio, Rocha, Engenho Novo, Cidade Nova, Méier e Bonsucesso. 15.000 exemplares O conteúdo dos anúncios contidos nesta revista é de inteira responsabilidade de seu respectivo anunciante, inclusive questão de direitos autorais, direitos de imagem, uso de logomarcas, regulamentações de classe e etc.


Seções 20 DIVERSÃO

abril/maio de 2012

12

15

Cama Elástica Clube Futebol Locação de Mesas

23 EDUCAÇÃO

Cursos Preparatórios Escolas

26 ESTÉTICA | MODA | SAÚDE

06

Mamãe Sabe Tudo! Ana Paula Araujo, craque da Rede Globo e prata da casa

08

Radar Ligado Comércio da comunidade tem opções variadas para todos os gostos

10

Radar Ligado Cadeg 50 Anos Mercado grande pra xuxu!

13

Radar Ligado O carnaval Imperial do Chapéu

14

0800 ou quase

16

Programas onde a diversão é de graça ou quase de graça

Academias Bolsas Calçados Clínicas Depilação Farmácias Roupa Shopping da Moda

41 GASTRONOMIA Doces Pizzarias Restaurantes

53 INFORMÁTICA E TECNOLOGIA Cartuchos Internet Serviços Digitais Sinalização Visual

56 RELIGIOSO Igrejas Esotéricos

58 SERVIÇOS

Em Forma

17

Os Suplementos

O Mapa da Mina Descubra o que é Fast-fashion.

18

Obrigado Doutor! Doenças ocupacionais: saiba como evitar

19

Vestir a casa Decora sua mãe

Auto Acessórios de Moto Eletricista Foto Imóveis Lavanderia Marido de Aluguel Marmoraria Motoboy Ótica Rádio Locução Taxi Tinturaria


Craque da Rede Globo Nascida no Bairro Imperial, Ana Paula Araujo revela que conheceu seu ex-marido dançando forró na Feira dos Nordestinos

Dançar forró bem agarradinho na Feira Tradicionais Nordestinas, onde conheceu seu exdos Nordestinos pode dar em casamento marido, pai de Melissa, hoje com cinco anos anos. e até render frutos, como uma filha que oscila entre Melissa, aliás, tem cobrado de Ana uma nova visita ao ser cantora, estilista ou porta-bandeira. Pelo menos Zoológico: foi assim para a apresentadora Ana Paula Araújo, - Levei-a lá quando era bem pequenininha. Está na a musa do RJ TV. Craque nas transmissões ao vivo, hora de voltar. onde até a maioria dos repórteres experientes treme, Ana revelou, em entrevista exclusiva à revista São Cristóvão, um Bairro Imperial, ter nascido numa das clínicas mais tradicionais do bairro, a do Doutor Aloan. E não esconde a idade: há exatos 40 anos (nasceu em 15 de abril de 1972). O corpinho, porém, é de 20. Ana diz que é “sorte”, já que é frequentadora ocasional de academia: - Tento me cuidar, mas sou daquelas que intercalo períodos de malhação com outros em que abandono a academia. Tenho fases de boa alimentação com outras em que exagero nas bobagens. Geralmente, se sinto que estou passando dos limites, dou uma segurada e retomo aos hábitos saudáveis. Uma das melhores lembranças de São Cristóvão, além das idas ao estádio de São Januário acompanhada do avô, sócio do Vasco, e os passeios na Quinta da Boavista, foi a festa de aniversário no Centro de

Ana Paula, na Quinta da Boa Vista


Perguntas para Ana Paula 1 – Você nasceu em São Cristóvão, mas foi ainda bebê para Juiz de Fora. Seus pais ou familiares tem lembranças do bairro? – Meu avô era sócio do Vasco. Morava na Tijuca mas volta e meia estava em São Januário. E eu sempre passava pelo bairro nas férias no Rio: a visita ao zoológico era obrigatória! 2– Qual foi a rua ou maternidade que vc nasceu? – Nasci na Clínica Dr Aloan, meus pais moravam na Tijuca. Logo depois nos mudamos pra Minas. 3 – Você apresentou a festa em homenagem ao aniversário do Rio na Quinta. Já conhecia o local? – Sim, conheço bem! Já estive inúmeras vezes fazendo reportagens na Quinta, no Museu. O lugar é lindo! Já levei minha filha bem pequenininha ao zoológico. Está na hora de voltar! 4 – Além da Quinta, São Cristóvão tem outros cartões postais, como o estádio São Januário e a Feira dos Nordestinos. Já esteve em algum deles? – Já fui algumas vezes à Feira dos Nordestinos. Inclusive comecei a namorar meu ex-marido lá, dançando forró durante uma festa de aniversário, acredita? 5 – Você vem conquistando um espaço cada vez maior no jornalismo carioca. A que atribui tamanho sucesso? – Acho que o sucesso em qualquer profissão é o resultado de muito trabalho e dedicação. O mais importante é fazer o que a gente gosta. Eu amo meu trabalho, sou muito realizada, e estou muito feliz com todo o reconhecimento. Foi muita honra ser premiada como uma das personalidades de 2011 por uma revista como a Veja Rio. 6 – De onde vem a sua enorme capacidade de improvisação, mostrada em matérias ao vivo, sem roteiro? – Eu adoro trabalhar ao vivo. Apesar do risco, é o que mais me faz feliz. Acho que fico à vontade por causa da minha experiência em rádio. Muitas vezes precisava apurar a notícia e entrar ao vivo por telefone logo em seguida, sem tempo pra escrever o texto. Certamente isso me ajudou muito. 7– Como mantém o corpinho de 20 à beira dos 40 anos? Qual o segredo para continuar com aparência tão jovial mesmo após ficar mais de 24h no ar, como aconteceu na cobertura da invasão policial no Complexo do Alemão? – Só a sorte explica (risos!). Tento me cuidar, mas sou daquelas que intercalam períodos de malhação com outros em que abandono a academia. Tenho fases de boa alimentação e outras em que exagero nas bobagens. Geralmente, se sinto que estou passando do limite, dou uma segurada e retomo os hábitos saudáveis. 8 – O que não pode faltar na sua bolsa? E no seu armário? – Carteira e celular – duas coisas que vivo esquecendo por aí! No armário, muita sapatilha – só uso salto no jornal e pra sair à noite. 9 – Sua filha já decidiu o que vai ser “quando crescer”? Você gostaria que ela seguisse seus passos e também fosse jornalista? – Melissa oscila entre ser cantora, estilista, porta-bandeira, enfim, um leque enorme de opções! Não faço questão que ela siga nenhuma profissão específica, apenas que encontre aquilo que a faz feliz.

DICA DA ANA PAULA O melhor amigo da mulher é a maquiagem... Concorda? Dê uma dica de beleza, ligada à maquiagem, às leitoras da revista. – Tenho uma dica ótima para tirar maquiagem. A melhor coisa pra remover rimel dos olhos é shampoo de bebê. É baratinho, não irrita os olhos e remove completamente a maquiagem.


Quem procura acha na Barreira do Vasco

Comércio da comunidade tem opções variadas para todos os gostos

corpo mole: ele entrega em casa e ainda parcela:

– Aqui a gente só não carrega o freguês no colo – brinca, avisando que o material chega sem atrasos É possível uma butique de comunidade mesmo fora da comunidade. vender roupa de marca que não se encontra facilmente nem no comércio regular do bairro? Se for na Barreira do Vasco a resposta é sim. Marcas como Traxy e Feranda Couture são as meninas dos olhos das lojas Gal Fashion, na Rua Professor Átila, 3, e Eli Modas, na Alzira Vargas, 23. A Alzira Vargas, aliás, é o coração comercial da comunidade, abrigando, entre outros, lojas de material de construção e eletrônicos, farmácia, restaurantes, galeto, pizzaria, açougue,  padaria, locadora de Antônio (esquerda) e Doda (direita) são craques em material vídeos, salões de cabelereiro, oftalmologista, de construção: preços baixos e facilidades no pagamento quituteira de doces e salgados. O bazar do Doda, no número 8, é famoso por vender mercadorias com preços bem abaixo dos da concorrência. O segredo?

–Vou direto à fonte, eliminando o revendedor e o

frete. Aí posso diminuir o preço, às vezes, em até 40 por cento. Depois de transformar seu imóvel em depósito de bebidas, fliperama e botequim, Antônio encontrou seu público alvo com o Bazar Amaral, na Professor Átila, 34. Especializado em matéria bruta, como pedra, cimento, areia e madeira, Antônio não faz

O Mercado do Jamil atrai compradores até de fora da comunidade

A loja Gal Fashion tem roupas de marca


Transpor as barreiras do preconceito, falando direto ao coração e ao bolso dos moradores de São Cristóvão é, hoje, a principal característica do comércio barreirense, cuja força está na diversidade. Loja de móveis? Tem. Portas, portões e janelas de alumínio? Tem. Dedetizadora e chaveiros? Tem. Fazedor de pipas? Tem também. Na rua Professor Átila, 3B, a Casa & Vida, especializada em decoração e enxoval de bebê, sobressai pelo bom gosto de sua coleção.

comércio barreirense floresce nas quatro estações. O mercadinho do Jamil, com suas prateleiras bem sortidas, na entrada da Darci Vargas, atrai compradores de todos os cantos do bairro: -- Tem produtos que eu só encontro no mercado do Jamil – garante a professora Fernanda Santos, moradora da rua Bela.

Segundo o último senso da Associação de Moradores da Barreira do Vasco (AMBV), há, atualmente, 49 – Temos cortinas sob medida e muitos objetos de comerciantes em atividade na comunidade. A presidente Vânia Rodrigues da Silva, em seu segundo decoração – avisa a dona, Rachel. mandato, destaca a tranquilidade do local: Espalhado pelas ruas Ricardo Machado, Santo – A Barreira do Vasco sempre foi uma comunidade Antônio, Darcy Vargas, Alexandre Plemont, Dona muito pacífica. Camila e Praça Carmela Dutra, entre outras, o

Bom gosto é a marca registrada da Casa&Vida, especializada em roupa de crianças e decoração.

Os bolos da Ângela são famosos.

Na farmácia da Alzira Vargas, Paulo e Pedro são os «mãos leves» da injeção: com eles ninguém chora.


MERCADO GRANDE PRA XUXU!

E pra cenoura, batata, pimentão.... Comemorando 50 anos, Cadeg se firma como referência em gastronomia e decoração O cigarro, vilão da saúde, quem diria, acabou fazendo um grande favor aos moradores do Rio de Janeiro em geral e de Benfica/São Cristóvão, em particular. Foi sobre os escombros de uma fábrica de cigarros que, há 50 anos, foi construído o Cadeg, um dos maiores polos de gastronomia e negócios do estado. Assim como os grãos, frutas, legumes, azeites, vinhos e flores que parecem brotar de cada canto do Centro de Abastecimento do Estado da Guanabara, os números que giram em torno desse gigante nada adormecido (afinal, ele trabalha 24h por dia) são avassaladores.

– O Cadeg é macho – avisa o diretor social

Armed Nemr Sariddine, divertindo-se com a mania de parte da população que acostumouse a chamá-lo pelo pronome feminino.

Suas 714 lojas, distribuídas em cinco andares, fazem parte do inconsciente afetivo dos cariocas. Pensou flores? Pensou Cadeg. Frutas, legumes, plantas ornamentais, Antes deles, porém, pausa para informação vasos, jarros, descartáveis, embalagens para festas e presentes? Pensou Cadeg também. revelante:

Até as funcionárias do Cadeg sonham em ganhar flores no Dia das Mães: mercado vende plantas com preços bem convidativos


Surpreendente é saber que o condomínio também abriga lojas que vendem cauda de jacaré, palheta de capivara, carne de paca e berinjela japonesa. O vaivém de pessoas no Cadeg é compatível com o entra e sai de veículos, cerca de 8 mil por dia. Sem contar os caminhões que chegam diariamente de Teresópolis, Petrópolis, Friburgo, Minas Gerais, São Paulo, Goiás... A venda direta produtor-vendedor, sem a intermediação do revendedor, faz o Cadeg oferecer mercadorias bem abaixo do preço. O complexo abriga 23 restaurantes e, na hora do almoço/jantar, madrugada a dentro, rescende a churrasco de boi, frango, linguiça e costela, entre outros, sem esquecer um prato muito popular no condomínio, dada a grande presença da colônia portuguesa na área: o bacalhau. O restaurante mais badalado do momento é o Barsa, do chef Marcel Barcellos, que já andou por restaurantes chiques da Zona Sul.

Festa portuguesa, ó pá Quem gosta de bacalhau, sardinha na brasa, vinho verde e sanfoneiros não pode perder a festa portuguesa que acontece todos os sábado, na hora do almoço (rua 16, loja 11). O Cantinho das Concertinas, que começou há 15 anos como um momento de confraternização entre os patrícios, principalmente os do Alto Minho, ganhou corpo e hoje atrai cerca de mil pessoas por final de semana. Durante a festa, 35 pessoas se dividem nos trabalhos da copa, cozinha e no atendimento ao público. Além do bacalhau na chapa, das sardinhas com batatas cozidas e do saboroso bolinho de bacalhau, uma barraquinha vendes deliciosos docinhos. É muita tentação. Para ajudar na digestão só entrando na farra do pessoal da terrinha que bate o pé, bate o pé, bate o pé ao som de um grupo típico que toca canções folclóricas.

Flores e o churrasqueiro do Costelão. Decoração e comida boa, marcas do Cadeg


O Ligeirão vem aí! Ônibus biarticulados passarão por São Cristóvão fazendo integração com metrô Os moradores de São Cristóvão vão ser apresentados, antes de 2016, ano das Olimpíadas, a um novo personagem: o “Ligeirão”. Esse é o apelido dos ônibus biarticulados que passarão a circular pela cidade sobre canaletas exclusivas, reduzindo, em alguns casos, em até 40 por cento o tempo normal de viagem. Uma das linhas, a TransBrasil, circulará pelo bairro fazendo ligação direta com o metrô. A estação, atualmente mal cuidada, suja e perigosa (principalmente à noite), sofrerá grandes transformações, segundo o arquiteto Conde Caldas, presidente do Conselho de Revitalização de São Cristóvão: – A estação vai virar uma gare, como as mais bonitas e modernas da Europa. Terá cobertura, ar refrigerado, iluminação adequada e música ambiente, tudo para o conforto do usuário. Caldas, que também é presidente da construtora Concal, garante que novos

trens, modernos e bem equipados, farão parte dessa mudança: – Serão trens de alta performance, bem diferente dos atuais. O governo do Estado já comprou 90 dessas novas composições. E a Odebrech, que vai reformar a estação, encomendou outros 30. Além da Transbrasil, o “Ligeirão” ou BRT ((Bus Rapid Transit: trânsito rápido de autocarros/ ônibus) vai circular pela TransCarioca, TransOeste, TransOlímpica e TransLight. Os ônibus cariocas copiarão o modelo existente em Curitiba desde 1979. O Ligeirão Azul que circula na capital paranaense é o maior do mundo, com 28 metros de comprimento, 2,20 de altura, 2,80 de largura e pode transportar até 300 pessoas. O ônibus biarticulado possui duas articulações sanfonadas, com comprimento equivalente a três ônibus convencionais.

O Ligeirão já circula em Curitiba. Capacidade para 300 pessoas


Carnaval Imperial do Chapéu em São Cristóvão Prezados, É com satisfação que informo o sucesso do “Carnaval Imperial do Chapéu” no bairro Imperial de São Cristóvão. Carnaval marcado pela Paz sem ocorrências negativas ao propósito, que era devolver o carnaval do Largo da Cancela aos moradores de São Cristóvão, Benfica, Triagem, Vasco da Gama, Complexo da Mangueira e Tuiuti. Agradecimentos: Prefeito Eduardo Paes, Vereador LCR, Presidente da Riotur Antonio Pedro, Casa Civil: Ronnie, David, João Luiz, CetRIO: Diniz, GM 8a. Insp. Eduardo, Comlurb: Ailton e equipe, Rio Luz: Enio e Eraldo, Insp. Lúcio GM, Farkas Chefe de Operaçãoes da GM. Revista São Cristóvão “Um Bairro Imperial” Equipe da VII RA, e as familias da Região que espera seja mantido o Carnaval Imperial do Chapéu no calendário da Riotur. Atenciosamente, Sheila Lima - VII RA.


PROGRAMAS ONDE A DIVERSÃO É DE GRAÇA OU BEM BARATINHA

Quem é guerreiro não pode perder a já tradicional Festa de São Jorge no Bar do Júlio (Rua General Argolo, 245, tel. 3891-6776), dia 23 de abril (uma segunda-feira, final do feriadão que começa no sábado, 21), do meio dia à meia noite ao som dos conjuntos Nega Fulô, Só Damas e Só Limpeza. Pra ter direito a uma deliciosa feijoada basta comprar a camiseta comemorativa, a R$ 15, no local do evento, que ano passado ficou lotado (foto). A festa, em sua terceira edição, também terá missa campal em frente ao bar, às 7h. E salve Jorge! São Jorge está mesmo de bola cheia com o “colega” São Cristóvão. O clube Imperial também promove, dia 23, uma feijoada em homenagem ao santo guerreiro. Mesmo quem não é sócio não paga para entrar e curtir o som do grupo Sem Querer. A feijoada também é grátis para menores de 10 anos. Dos 11 aos 16, sai a R$ 10. Para maiores de 16, R$ 20. O arrasta-pé e a comilança começam às 13h. O Boteco da Nazaré, também conhecido como Boteco do Cadeg (Rua Capitão Felix, 110, pavilhão térreo, loja C, 2589-9643), é point obrigatório, às sextas, para quem quer molhar as palavras (com aquela geladinha), saborear uns quitutes e ouvir música ao vivo e mecânica sem pagar couvert artístico, das 18h às 22h. Pra acompanhar o chopp Itaipava a R$ 2,80 ou a promoção de 10 latinhas de Antarctica a R$ 18 (R$ 1,80 a unidade) tem bolinho de três tipos: nordestino, bacalhau e feijão. O boteco também serve baião de dois, picanha, churrasco misto e carne seca. Se a opção for massa, uma novidade: o freguês vira chef e pode criar sua própria receita. “Por que o mar é Azul?” Essa é uma das perguntas da exposição Azul da Cor do Mar”, promovida pelo Espaço Cultural da Marinha (Avenida Alfredo Agache, s/n, Praça XV), de terça a domingo, das 12h às 17h, até o dia 31 de julho. A aventura do visitante começa pela simulação de um mergulho atrás de uma cortina com projeções do mar. A primeira parada é no mundo lendário de piratas, sereias, monstros e seres que vivem nas profundezas de um mar tenebroso. A decoração utiliza alegorias da escola de samba Portela, no enredo homônimo ao nome da exposição. Na segunda braçada e em um mergulho mais profundo irá encontrar a Amazônia Azul, patrimônio brasileiro no mar, e o Pré-Sal. Para finalizar e dando as últimas braçadas a mostra traz à tona a resposta para a pergunta “Por que o mar é Azul?”, tendo a ciência como aliada para sanar a curiosidade do visitante. As crianças vão adorar. A entrada é grátis.


Você é o Chef, Ok?! Seja oportunista! Estamos no mês da páscoa, vamos preparar um prato que todos gostam, Bacalhau! O Brasil é o maior importador do mundo, com 85% vindo da Noroega. Inove com o nome da receita, mesmo sendo uma receita tradicional. Bacalhau gratinado, é muito simples, por exemplo. Agora: Bacalhau gratinado de Bragança. Já fica chic ném?! Use o sobre nome da sua família ou se for uma receita nova, interaja, brinque com os convidados! rsrs...

Bacalhau Gratinado Ingredientes 2 kg de Bacalhau dessalgado 3 litros de Leite 4 unid. de Folha de louro 1 cabeça de Alho descascado 4 unid. de Batatas em cubos pequenos 60 g de Farinha de trigo 50 ml Azeite 500 ml de Azeite 8 unid. de Cebola em tiras finas 200 g de Azeitona pretas 5 unid. de Ovos cozidos 200 g Queijo parmesão ralado 1 a 2 maços de Folhas picadas de: coentro, salsa, salsão, espinafre, couve refogada com alho batido ( a escolha de uma dessas folhas será o diferencial da receita )

Modo de preparo 1 Acrescente no leite as folhas de louro, alho e deixe no fogo alegre “ expressão de Vinícius de Morais referindo se ao fogo alto no poema, da feijoada brasileira”

2 Adicione o bacalhau no leite em fervura, e abaixe o fogo, retire o bacalhau quando estiver macio e reserve em lascas

3 Cozinhe as batatas no mesmo leite, e reserve 4 Retire as folhas de louro do leite e bata no liquidificador com o alho, volte ao fogo e acrescente a papinha ( farinha + azeite + leite do cozimento ) em fogo baixo mexendo até encorpar, corrija o sal se necessário. Reserve

5 No azeite refogue as cebolas, depois de transparentes, adicione as folhas picadas, as batatas em cubos, as azeitonas, o bacalhau em lascas, misture tudo em uma panela grande ok.

6 Em um recipiente de louça ( se for de vidro cuidado para não queimar) acrescente um pouco do molho, adicione a mistura de bacalhau, mais um pouco molho, o restante da mistura finalize com o molho os ovos cozidos cortados ao meio e polvilhe o queijo parmesão. No forno pré -aquecido a 180 / 200 graus . Até gratinar. Bom Apetite!


OS SUPLEMENTOS Inicialmente os suplementos alimentares foram produzidos para serem práticos, terem volume reduzido em relação à disponibilidade de calorias e fornecerem macro e micronutrientes isolados.

Eles surgiram com o objetivo principal de suprir as deficiências alimentares nas dietas de atletas de alto nível. Rapidamente todos perceberam seus benefícios.Uma vez que os suplementos proporcionavam recuperação muscular mais rápida, crescimento e fortalecimento muscular e promoção do bem geral do organismo, permitindo treinos mais longos, intensos e conseqüentemente a melhora drástica nos resultados obtidos nas competições.

estão na forma de aminoácidos. Hipercalóricos:Os hipercalóricos são Shakes muito calóricos, que foram desenvolvidos para pessoas que precisam ganhar peso (Massa Muscular),ou tem um gasto calórico diário muito elevado.

Termogênicos: Visam através da ação termogênica manter seu metabolismo acelerado para que você tenha Muito utilizados atualmente com finalidade estética, os uma maior queima calórica ao longo do dia. Eles são suplementos alimentares podem trazer grandes benefí- muito indicados para serem utilizados em conjunto com cios ao corpo, como ganho de massa muscular magra, atividades aeróbias. Ex: guaraná e cafeína. redução de colesterol,auxílio no tratamento de certas doenças, aumento do metabolismo das gorduras e etc. Suplementos Antioxidantes: ajudam na limpeza do Conheçam os suplementos mais vendidos atualmente: organismo. Quem pratica muita atividade física, acaba liberando muitos radicais livres no organismo que são Repositores hidroeletrolíticos: São formulados de responsáveis pelo envelhecimento precoce e até meseletrólitos(sódio e potássio),associada a carboidratos mo podendo levar a doenças como o câncer. Essas com finalidade de repor os mesmos perdidos na ati- substâncias ajudam na eliminação desses radicais livres. vidade física. Multivitamínicos e Minerais: Para pessoas que neRepositores energéticos: são compostos por carboi- cessitam complementar vitaminas e minerais no dia a dratos (maltodextrina, frutose, glucose desidratada) e têm dia Ex: centrum. como objetivo melhorar o aporte de energia, mantendo dessa forma as reservas corporais de carboidrato e reMuitas pessoas confundem suplmentos tardando a fadiga. alimentares com esteróides anabólizantes, e estes são hormônios sintéticos utilizados ilicitamente e podem causar vários efeitos colaterais. Hiperprotêicos: São compostos por proteínas e devem Procure um profissional capacitado,fique atento conter no mínimo 50% de proteínas na composição, aos prazos de validade, leia todo o rótulo e não sendo 65% destas de alto valor biológico (clara de ovo creia que um “potinho colorido” possa fazer seu desidratada, Whey Protein, Leite em pó, caseinato de corpo mudar radicalmente sem a prática regular de atividade física e ótima alimentação. cálcio são alguns exemplos). Nesta categoria incluem-se as proteínas hidrolizadas, ou seja, as proteínas que já


Fast-Fashion O fast-fashion (moda rápida em inglês) teve seu nascimento nos EUA mas foi na Europa que foi mais difundido e, de lá, se propagou pelo mundo.

O conceito básico por trás dele é o seguinte: levar moda a todos de forma rápida e democrática. Em moda, existem os grandes grupos de luxo e estilistas autorais que são formadores de opinião e responsáveis por vislumbrar e direcionar o que vai ser “in” e “out” nas próximas temporadas. Mas o acesso a eles é muito limitado, principalmente por conta dos preços altos de suas criações. Então, como fazer para que o consumidor comum, antenado com o que as marcas estreladas fazem, siga as tendências? Aí é que entram em cena as grandes lojas de departamentos (como C&A, Riachuelo, Hering e Marisa, por exemplo), que, inspiradas nas roupas que as grandes grifes levam para as passarelas, produzem peças semelhantes, mas a preços convidativos.

O processo de produção Fast-Fashion é rápido e contínuo de novidades, podendo gerar para essas grandes redes um aumento de faturamento. Você, com certeza, deve ter alguma peça de fast-fashion no seu guarda-roupa e nem sabia disto! Para dar certo, o sistema requer coleções compactas, modelos novos o tempo todo, agilidade, conhecimento do mercado e olho vivo para retirar das araras o que não vende e repor o que vende. Ao mesmo tempo em que os estoques se ampliam para certos modelos, eles ficam mais restritos para outros: nem todos os números e tamanhos estão disponíveis na coleção, nem todas as cores e estampas existem para cada um dos produtos. Outro segredo é conquistar o consumidor com peças de qualidade e compatíveis com o orçamento de todos. A meu ver, um dos pontos positivos do “fast-fashion” no Brasil é a parceria com grandes estilistas

que desmistifica a Moda como algo “apenas para uma elite consumidora” e a leva a todos os níveis sócio-econômicos possíveis. Um exemplo disso foi a coleção “Rio de Janeiro” criada por Oskar Metsavaht (Diretor de estilo da Osklen) em parceria com a Riachuelo em 2010: As araras se esvaziaram horas depois da coleção ser lançada e, em poucos dias, o estoque estava esgotado em todas as lojas da rede no país. O Fast-Fashion consegue levar moda de qualidade a todas as classes e hoje temos grandes colaboradores desse movimento como os estilistas Juliana Jabour, André Lima e Pedro Lourenço e celebridades

como Gisele Bündchen e Fiuk com suas coleções para C&A, por exemplo. Coleções relâmpago, parcerias estreladas, bons preços, as tendências mais quentes de cada estação e itens novos todas as semanas são os principais ingredientes (até o momento) que movem a indústria Fast-Fashion brasileira e internacional. Esse movimento precisa ser visto, não como uma revolução, mas sim como uma evolução na moda. O que vem depois? A certeza que na semana que vem você vai encontrar pelo menos alguma novidade em cada uma dessas lojas de departamentos.

Para saber mais sobre o assunto recomendo: “A Revolução do Fast-Fashion” de Enrico Cietta - Editora Estação das Letras e Cores.


Doenças Ocupacionais: saiba como evitar As doenças ocupacionais são decorrentes da exposição do trabalhador aos riscos da atividade que desenvolve. Podem causar afastamentos temporários, repetitivos e até definitivos, prejudicando a produtividade.

Os tipos mais comuns são as Lesões por Esforços Repetitivos ou Distúrbios Osteomoleculares Relacionados ao Trabalho (LER/DORT). As lesões são causadas pelo desempenho de atividade repetitiva e contínua, tais como tocar piano, dirigir caminhões, fazer crochê e digitação.

Causas mais comuns: movimentos repetitivos, carga excessiva situações de estresse elevado e continuado e postura incorreta. O trabalhador deve aprender a identificar os sinais do próprio corpo para perceber o início de qualquer desconforto. Os sintomas mais comuns são cansaço excessivo, desconforto após a jornada de trabalho, inchaço, formigamento dos pés e das mãos, sensação de choque nas mãos, dor nas mãos e perda dos movimentos das mãos. Dicas de prevenção: »» Beba água regularmente ao longo do dia. Uma boa opção é sempre ter uma garrafinha perto do seu local de trabalho. Tenha postura adequada: ombros relaxados, pulsos retos, costas apoiadas na cadeira. »» As cadeiras devem ter altura para que sejam sempre mantidas as plantas dos pés totalmente apoiadas no chão. Mantenha um ângulo reto entre suas costas e o assento de sua cadeira. A cadeira deve ter formato anatômico

para o quadril e encosto ajustável. »» Não utilize o apoio do pulso durante a digitação. »» O monitor deve estar a uma distância mínima de 50 cm e máxima de 70 cm do usuário. A regulagem da altura da tela deve situar-se entre 15 e 30 graus abaixo de sua linha reta de visão. »» A cada hora de digitação, saia de sua cadeira e movimente-se. Se possível, faça exercícios de alongamento. Pausas durante a realização das tarefas permite um alívio dos músculos mais ativos. »» Evite posicionar o computador perto de janelas e use luminárias com proteção adequada. As máquinas devem estar posicionadas de forma que você não tenha que se curvar ou torcer o tronco para pegar ou utilizar ferramentas com frequência. »» Como regra geral, temperaturas confortáveis para ambientes informatizados são entre 20 e 22ºC, no verão, e entre 25 e 26ºC no inverno. »» Sempre que possível, humanize o ambiente (plantas, quadros e, dependendo do tipo de trabalho, som ambiente). »» Estimule a convivência social entre funcionários. Passamos a maior parte do nosso tempo no trabalho, por isso é importante aprendermos como prevenir doenças causadas por esforço repetitivo e outros fatores, para garantir mais saúde e qualidade de vida.


DECORE SUA MÃE! Você já se imaginou com fome, barriga roncando, sonhar com aquele prato delicioso com alface, rúcula, azeitona verde e espinafre?

Uma salada pode ser super agradável se tiver uma melhor harmonia de cores, não acha? Acrescentando um tomate vermelhinho, uma cenoura laranja, um pimentão amarelo, já ganhamos mais sabor. Comemos com os olhos, com o prazer. O mesmo acontece com a nossa figura. Se tendemos a andar de ombros curvados, coluna arcada, cabeça abaixada, é bem provável estarmos adeptos da música “deixa a vida me levar...” . Se levantamos a cabeça, coluna erguida, ombros retos, a tendência se transforma para uma pessoa decidida, com mais convicção, certa da vitória. As cores e a nossa postura, caminham juntas e são sinônimos de Bem Estar. Nos dias que estamos mais cabisbaixos, com desejo de desaparecer, de não encontrar ninguém, certamente de forma muito natural vamos buscar rou-

pas de cor marrom e cinza. Nos dias que estamos mais felizes e radiantes, buscamos cores mais vivas como o amarelo, laranja e vermelho. Nos dias que estamos tranqüilos e calmos, tendemos a vestir azul, verde e lilás. Não é difícil concluir que se estamos cabisbaixos e vestimos cinza, esse sentimento ampliará. No entanto, para esses dias, tendo consciência da influência das cores, o ideal seria procurarmos usar roupas de cores mais vivas. Procurando melhorar nosso humor. Nossa aparência é como cartão de visita, é o nosso marketing pessoal. Por isso, quando desejamos vender alguma idéia, vamos nos apresentar de acordo com aquela idéia. Por exemplo, se vamos vender imóvel, precisamos demonstrar seriedade, podemos optar por roupas marrom; se vendemos festas, vamos optar por roupas coloridas; se vendemos serviços para mulheres, vamos optar pelo branco, rosa e violeta; sendo masculino, o azul escuro, preto, café. Cor é vida! É apresentação pessoal. Dia das Mães se aproxima... o que acha de perceber ainda mais as atitudes e dar uma cor que ela precisa? Isso é decoração além de carinho. Decore sua Mãe! ... e depois, compartilhe conosco sua experiência! Nos encontramos na próxima edição com dicas de Arquitetura, Decoração e Organização.

Um Forte Abraço!


20

DIVERSテグ


21

DIVERSテグ


22

DIVERSテグ


23

EDUCAÇÃO


24

EDUCAÇÃO


25

EDUCAÇÃO

EDUCAÇÃO


26

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


27

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


28

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


29

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


30

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


31

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


32

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


33

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


34

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


35

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


36

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


37

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


38

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


39

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


40

ESTÉTICA / MODA / SAÚDE


41

GASTRONOMIA


42

GASTRONOMIA


43

GASTRONOMIA


44

GASTRONOMIA


45

GASTRONOMIA


46

GASTRONOMIA


47

GASTRONOMIA


48

GASTRONOMIA


49

GASTRONOMIA


50

GASTRONOMIA


51

GASTRONOMIA


52

GASTRONOMIA

GASTRONOMIA


53

INFORMÁTICA / TECNOLOGIA


54

INFORMÁTICA / TECNOLOGIA


55

INFORMÁTICA / TECNOLOGIA


56

RELIGIOSO INFORMÁTICA / TECNOLOGIA INFORMÁTICA / TECNOLOGIA


57

RELIGIOSO


58

SERVIÇOS


“Quem não é visto, não é lembrado.”

SERVIÇOS

2589-4960

59


60

SERVIÇOS


61

SERVIÇOS


62

SERVIÇOS


63

SERVIÇOS


64

SERVIÇOS


65

SERVIÇOS


66

SERVIÇOS


67

SERVIÇOS


Revista São Cristovão | um bairro imperial  

Guia de Negócios & Serviços

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you