Page 1

Jornal Informe - 1

FACHA - Semestre 2016/2

Outubro Rosa incentiva mulheres a se prevenirem e movimenta as clínicas de exame por imagem p.17

InForme

Anna Ramalho

Novo carregador Motorola promete 8h de bateria em 15 minutos. O lançamento terá versões tradicionais e para automóveis - p.11

Trabalho acadêmico produzido pela turma C306C - Editoração Eletrônica I - Facha Botafogo - 2016-2

A Inconstitucionalidade do Escola Sem Partido, segundo Janot Rodrigo Janot questiona o exercício da liberdade de expressão que diz respeito a influência na formação crítica e consciente dos alunos - p.3

ESPORTES

Arsenal conquista seu 12o título da Copa da Inglaterra SKYSPORTS.COM

AGÊNCIA BRASIL

CIDADE

O legado olímpico que movimentou a cidade do Rio As transformações na cidade que atraíram olhares de turistas e cariocas, com destaque para o “Boulevard Olímpico”, que encantou a todos CULTURA

Produtor desenvolve formas de se reinventar em meio a crise da distribuição do cinema nacional Fabio Cormack, produtor e fundador da Comarck Visuals, resiste a crise gerando conteúdos na internet. Utiliza-se desta estratégia para ter destaque em seus trabalhos e viabilizar projetos futuros. Ele afirma que as redes socias e as novas tecnologias tem alimentado este debate

INTERNACIONAL

Donald Trump declara que derrotar o Estado Islâmico é mais importante que a tentiva de remover o presidente sírio Bashar Assad CEARAAGORA.COM.BR


2- Jornal Informe

InForme

FACHA - Semestre 2016/2

Expediente: Equipe de reportagem e diagramação: Amanda Trintim, Camila Luz, Luiza Braz, Vinicius Bicudo, Manoella Delunardo, Mylena Varanda, Flavia Côrtes, Mariana Moreira, João Rebello, Gabriel Morsch, Talita Teixeira, Sávio Santos, Lilian Britto, Caio Mota, Inara Diniz e Beatriz Ferreira Editoras: Louise Cindra e Marina Maria Professor: Gilvan Nascimento

Este jornal é resultado do trabalho conjunto dos alunos de editoraçao eletrônica 2016.2 com o auxilio do professor Gilvan Nascimento. Nossa proposta é vivenciar uma experiência jornalistica a partir da construção de um jornal da turma. A publicação

é de responsabilidade dos alunos e não conta com apoio ou fins lucrativos, e pode conter textos e imagens que não sejam originais. Sendo assim, os que não foram produzidos pela turma, terão seus creditos devidamente inseridos.

Explicitamos que as etapas do projeto, bem como a diagramação, o planejamento e a programação visual fazem parte do mesmo trabalho acadêmico. Por este motivo,visando a avaliação acadêmica, os erros foram mantidos.

Faculdades Integradas Hélio Alonso

Rua Muniz Barreto, 51 - Botafogo

www.facha.edu.br

(21) 2102-3100


Jornal Informe - 3

País

FACHA - Semestre 2016/2

Janot pede ao STF para prosseguir inquérito sobre governador de PE

STF julga improcedente denúncia do MP contra Arruda e Alberto Fraga

Prefeito de Recife e mais dois, todos do PSB, também são alvo do inquérito. Ministério Público quer apuração sobre suposto superfaturamento em estádio.

Ex-governador e ex-secretário são acusados de crime contra lei de licitação.Com decisão da Corte desta terça-feira (22), processo foi arquivado.

Vinicius Bicudo Fonte: G1.com (22.11.16) O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) o prosseguimento de um inquérito aberto para investigar o governador de Pernambuco, Paulo Câmara; o prefeito de Recife, Geraldo Júlio; o senador Fernando Bezerra Coelho; e o deputado Tadeu Alencar. Todos são do PSB. Janot quer que os quatro sejam investigados pela suspeita de participação no suposto superfaturamento na construção do estádio Arena Pernambuco, pela Odebrechet, para a Copa do Mundo de 2014. As informações foram divulgadas pela revista “IstoÉ” e confirmadas pela TV Globo. Em nota, Paulo Câmara, Geraldo Júlio e Tadeu Alencar afirmou que a licitação respeitou todos os requisitos legais, que não houve superfaturamento e, além disso, estão à disposição para prestar todas as informações.

O pedido No mesmo pedido, Janot pediu a devolução de parte da investigação sobre quem não tem foro privilegiado para Pernambuco e a continuidade da apuração sobre quem tem foro no Supremo - governadores, por exemplo, têm foro no Superior Tribunal de Justiça (STJ), mas o procurador entende que os políticos devem ser investigados juntos. Em agosto, em razão da Operação Fairplay, da PF de Pernambuco, investigadores enviaram o caso ao Supremo pelo envolvimento das autoridades com foro privilegiado. O caso foi distribuído para o ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo, por conexão com fatos investigados na operação. O ministro, então, pediu parecer da Procuradoria Geral da República sobre a apuração.

Clarissa Garotinho chora a prisão do pai no plenário da Câmara dos Deputados Ex-governador está preso suspeito de fraude eleitoral e esteve hospitalizado. Deputada estava na ocasião em que ele resistiu à transferência para presídio. Vinicius Bicudo Fonte: G1.com (22.11.2016) A deputada federal Clarissa Garotinho (sem partido-RJ) chorou ao falar da prisão do pai, o ex-governador Anthony Garotinho, no plenário da Câmara na tarde desta terça-feira (22). Ela afirmou que ele “foi e continua sendo vítima” de abuso de autoridade e defen- deu o projeto que endurece a punição para atos arbitrários de poder e que está em tramitação no Congresso. “Senhor presidente, vossa excelência não tem noção do que nós vivenciamos! Não podemos permitir mais no Brasil esse tipo de coisa, esse tipo de desumanidade!”, disse a deputada, chorando, para Carlos Manato (SDES), que presidia a sessão. Antes, Clarissa havia falado sobre as transferências do pai após ser preso. Garotinho passou mal logo depois de ser levado pelos agentes da Polícia Federal. Ficou internado no Hospital Souza Aguiar e teve a transferência

G1.com

Também em nota, a defesa do senador Fernando Bezerra informou não ter tido acesso ao pedido de Janot e, portanto, não teria como comentar o assunto.

para um hospital particular negada pelo juiz. Na noite do dia 17, ele foi transferido para o presídio de Bangu por ordem do juiz responsável pela prisão, Glaucenir de Oliveira, de Campos. O magistrado decidiu pela transferência por suspeitas de que Garotinho estaria recebendo tratamento privilegiado na unidade pública. Um vídeo mostrou o ex-governador se debatendo na maca e resistindo à transferência, e Clarissa chorando e tentando entrar na ambulância com o pai. No dia seguinte, uma ministra do TSE determinou o retorno de Garotinho para um hospital. No fim de semana, o ex-governador passou por uma cirurgia cardíaca. Após o procedimento, ele se recusou a ser examinado pelos peritos do Ministério Público que, a pedido do juiz, iriam analisar o estado de saúde do ex-governador. Na manhã desta terça, Garotinho deixou o hospital e foi para o apartamento dele no Flamengo, onde ficará em prisão domiciliar.

Ônibus parados, em Brasília, durante protesto de trabalhadores em 2015

Vinicius Bicudo Fonte: G1.com (22.11.2016) A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal considerou nesta terça-feira (22) improcedente denúncia oferecida pelo Ministério Público contra o ex-governador do Distrito Federal José Roberto Arruda, o deputado Alberto Fraga (DEM), ex-secretário de Transportes, e Paulo Henrique Barreto, ex-diretor do DFTrans. Com a decisão, o caso será arquivado. Os três foram acusados pelo MP de crime contra a lei de licitações por dispensar licitação para circulação de mil ônibus em 2007 e por autorizar a

atuação de veículos piratas. Eles também foram acusados de dispensar licitação para que a empresa Fácil pudesse atuar no controle da bilhetagem automática dos ônibus. No julgamento, os ministros consideraram que a denúncia não era apta porque, para configurar crime contra a lei de licitações, é preciso demonstrar intenção de dano ao erário e obtenção de vantagem indevida, o que, para a Segunda Truma do STF, não ficou configurado conforme a acusação. O processo foi apreciado pelo STF por envolver o deputado Alberto Fraga. Por ser deputado federal, ele tem foro especial e só pode ser julgado criminalmente pela corte superior.

Fazenda separa equipe para tirar dúvidas sobre PEC dos gastos Vinicius Bicudo Fonte: G1.com (22.11.2016) O ministério da Fazenda tem mantido uma equipe de técnicos da pasta à disposição dos senadores para prestar esclarecimento de forma pessoal sobre a Proposta de Emenda à Constituição (PEC ) 55, que estabelece um teto para os gastos públicos nos próximos 20 anos. O governo tem defendido que a medida busca o equilíbrio do Orçamento, sem retirar direitos da população, e o retorno do crescimento da economia, além da criação de empregos. Caso seja aprovada no Congresso, a regra garantirá uma freada no exorbitante aumento dos gastos públicos dos últimos anos. Contudo, ela tem sofrido resistência de setores da sociedade. O Ministério Público do Paraná (MP-PR) afirma,

por exemplo, que a PEC configura “profundo retrocesso no país, desfigurando o modelo de estado social e democrático de direito preconizado pela Constituição Cidadã de 1988”. Procurado pelo blog, a Fazenda afirmou que há um esforço do ministério não só a consultas, mas também em convites públicos de fóruns para esclarecer a questão da PEC 55. A equipe que atende também os senadores é formada por assessores especiais do ministro e da secretaria especial de acompanhamento econômico, segundo o ministério. Procurado pelo blog, a Fazenda afirmou que há um esforço do ministério não só a consultas, mas também em convites públicos de fóruns para esclarecer a questão da PEC 55. A equipe que atende também os senadores é formada por assessores especiais do ministro e da secretaria especial.


4- Jornal Informe

Política

FACHA - Semestre 2016/2 JORNALISTASLIVRES.ORG

Flavia Gonçalves Fonte:Gil Alessi, brasil.elpais.com em 13/10/2016 Por que o Governo diz que ela é necessária? O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, diz que “não há possibilidade de prosseguir economicamente no Brasil gastando muito mais do que a sociedade pode pagar. Este não é um plano meramente fiscal.” Para a equipe econômica, mesmo sem atacar frontalmente outros problemas crônicos das contas, como a Previdência, o mecanismo vai ajudar “a recuperar a confiança do mercado, a gerar emprego e renda” ao mesmo tempo em que conterá os gastos públicos, que estão crescendo ano a ano, sem serem acompanhados pela arrecadação de impostos.O Governo Temer não cogita, no momento, lançar mão de outras estratégias, como aumento de impostos ou mesmo uma reforma tributária, para ajudar a sanar o problema do aumento de gasto público no tempo. Flavia Gonçalves

Sete pecados capitais da PEC 241

Fonte:Gil Alessi, brasil.elpais.com em 13/10/2016

O Brasil precisa de ajuste e regra fiscal, mas as normas são rigorosas e criam novos problemas

O que é a PEC do teto de gastos? Proposta de congelar gastos é positiva mas tem pouco efeito, segundo analistas educação e saúde podem perder um terço das verbas obrigatórias A PEC, a iniciativa para modificar a Constituição proposta pelo Governo, tem como objetivo frear a trajetória de crescimento dos gastos públicos e tenta equilibrar as contas públicas. A ideia é fixar por até 20 anos, podendo ser revisado depois dos primeiros dez anos, um limite para as despesas: será o gasto realizado no ano anterior corrigido pela inflação (na prática, em termos reais - na comparação do que o dinheiro é capaz de comprar em dado momento - fica praticamente congelado). Se entrar em vigor em 2017, portanto, o Orçamento disponível para gastos será o mesmo de 2016, acrescido da inflação daquele ano. A medida irá valer para os três Poderes – Executivo, Legislativo e Judiciário. Pela proposta atual, os limites em saúde e educação só começarão a valer em 2018.

se extinguindo. Logo, a PEC estabelece um conflito pela distribuição de Fonte: Fábio Terra, cartacapital.com.br recursos na União. Ademais, a PEC cria um irrealismo da relação entre o em 25/10/2016 que a União pode gastar e o custo que Para não dizer que não falei de flores, ele terá para ofertar serviços públicos. começarei com elas. O único mérito Ou seja, o sapato será pequeno não da PEC 241 é colocar no horizonte o apenas para dentro do serviço público, debate, absolutamente preciso, sobre mas também dele para com os produregras de condução dos gastos públi- tos que ele adquire do setor privado. cos. Regimes fiscais são necessários; muito menos para se fazer ajuste fiscal 2) Não obstante, o sapato menor do que e muito mais para se evitar que exista o pé fará com que, em médio prazo, a nossa escolha de candidaturas presidena necessidade de se fazê-los. ciais se dê entre plataformas que dispuÉ importante de partida lembrar que tem quais áreas sofrerão menos cortes os problemas fiscais que enfrentamos para que outras tenham ganho real. não são apenas das despesas públicas, como querem (fazer) crer os proposi- Por mais estranho que pareça, a PEC tores da PEC, mas perpassam os dois 241 estabelecerá, inclusive por ser outros âmbitos mencionados. No mer- gravada na Constituição Federal, uma cado de dívida, inclusive, encontra-se certa independência orçamentária em boa parte do porquê as despesas públi- relação aos governos democraticacas com juros serem tão elevadas no mente eleitos. Não contando com possibilidade de aumento real de gastos Brasil. mesmo que as receitas cresçam, os 1) Como a PEC estabelece que os gas- projetos de quaisquer partidos somenFlavia Gonçalves tos cresçam ao ritmo da inflação, para te dirão quais áreas priorizar em detrique um órgão da administração públi- mento de outras. Fonte: Gil Alessi, brasil.elpais.com em ca federal e seu funcionalismo tenha 13/10/2016 ganho real de dotação orçamentária, outro terá que perder. Isto é, em uma 3) A PEC 241 limita a expansão dos O que vem depois da PEC, se metáfora que usarei daqui em diante, o gastos à inflação por 20 anos. Penela for aprovada tal como está? pé (necessidade) será maior do que o semos retroativamente. Nas últimas duas décadas ocorreram diversas sapato (orçamento). A PEC é a prioridade da equipe crises Imaginemos se tais eventos se econômica do Governo Temer, que Inclusive, em tese, saúde e educação passam nos próximos 20 anos, o pevai pressionar por outras reformas nos podem ter ganhos reais ao longo dos cado seria o orçamento público não próximos meses, como a Reforma da próximos 20 anos, mas com outras poder ajudar a enfrentá-los limitado Previdência e Reforma Trabalhista. áreas perdendo recursos ou até mesmo como estará. Flavia Gonçalves

4) A PEC, pela sua lógica de funcionamento, será de impacto gradual no curto prazo, quando há necessidade de ajuste intenso, e incisivo no longo prazo, em que talvez se tenha mais folga fiscal. Portanto, a PEC peca ao inverter a ordem necessária. 5) Se o que se quer é regra e se regra existe para se administrar com responsabilidade, gerando-se credibilidade na ação pública, a PEC não é só um sapato apertado, é um tiro no pé; o sapato deverá ser trocado em médio prazo, o que gerará a desconfiança das mudanças de regra. É o pecado de não se escolher um meio termo. 6) Para calçar o sapato menor do que o pé, remendos deverão ser feitos. Ou seja, a PEC, para que seja efetiva, necessariamente deverá ser acompanhada de uma série de outras reformas, como a da previdência, da administração pública, do federalismo fiscal. 7) Os recursos orçamentários federais são bastante vinculados, isto é, arrecada-se uma receita para um fim específico – daí o ajuste fiscal no País sempre ser feito pela Desvinculação de Receitas da União (DRU). Por volta de 10% das receitas não são vinculadas, principalmente investimento. A PEC parece partir do pressuposto de que somos incompetentes e não conseguimos organizar nossas finanças pública.


Jornal Informe - 5

Política

FACHA - Semestre 2016/2

Ricardo Barros, o ministro dos planos de saúde A nomeação de um engenheiro é o primeiro sinal de que o povo brasileiro como sempre sairá prejudicado CARTACAPITAL.COM.BR

Financiado por um gigante dos planos, Barros pretende desregulamentar o setor suplementar

Mariana Moreira Fonte: Renan Truffi cartacapital.com.br, 05/09/16 Primeiro ministro da Saúde sem formação na área desde 2003, Ricardo Barros chegou ao cargo pelas mãos de Michel Temer, após indicação do PP. Engenheiro civil de formação, parece ser só um alerta do mal maior que pode representar para a saúde pública brasileira. Isso porque Barros tem feito de tudo para levar à frente a proposta de criação de planos de saúde populares, agora definidos “acessíveis”. A ideia seria diminuir as exigências mínimas de cobertura, impostas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) às administradoras, para que

possam oferecer planos mais baratos à população. Argumento do ministro: não há recursos e, quanto mais pessoas forem atendidas na saúde suplementar, melhor para o Sistema Único de Saúde (SUS). A proposta abre precedentes perigosos, segundo as principais entidades do setor. A grande preocupação é de que o mercado de saúde retroceda ao que foi antes de sua regulamentação, na década de 1990. É justamente com a criação da ANS que as empresas foram obrigadas a oferecer um rol de atendimentos mínimos, antes de terem autorização para comercializar os planos. Não é só a proposta que desagrada às mais diversas entidades de saúde. A forma

como o ministro vem conduzindo o debate também provoca reações contrárias. No começo de agosto, Barros publicou uma portaria em que cria um Grupo de Trabalho para apresentar, em até 120 dias, um relatório sobre o assunto. Do grupo, participarão membros do Ministério da Saúde, da ANS e da Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização. A ANS divulgou uma nota em que diz que a ideia só beneficia “os empresários da saúde suplementar, setor que movimentou, em 2015 e em 2016, em torno de 180 bilhões de reais”. “O Conselho não vai participar da discussão sobre a implementação

de uma proposta que não concorda”, explica o presidente Carlos Vital Tavares. A proposta ainda guarda na reeleição de Ricardo Barros, para deputado federal em 2014, parte de seu descrédito. O maior doador individual da campanha do ministro foi Elon Gomes de Almeida, presidente do Grupo Aliança, administradora de benefícios de saúde. Foram 100 mil reais declarados ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Em resposta, a assessoria do ministro rebate que essa doação correspondeu a apenas 3,1% do total recebido por Barros na campanha. “O ministro está vendo nesse processo uma janela de oportunidade para que ele possa,

de alguma forma, retribuir”, critica o ex-diretor-presidente da ANS, antes de lembrar que Barros foi relator da Lei Geral das Agências Reguladoras. “Ele viu oportunidade de formular uma proposta que quebra a espinha dorsal da regulamentação dos planos de saúde.” Procurado por CartaCapital, o ministro nega ter a intenção de beneficiar os planos de saúde. Acentua: ninguém é obrigado a aderir aos seguros. E critica as entidades que se recusaram a participar do debate. “Quem tem cabeça aberta pode participar e discordar. Não é com estas pessoas que tenho de me preocupar. Tenho com as que querem discutir e contribuir.”

Prisão de Lula traria instabilidade ao país, diz Temer

Declaração foi feita durante entrevista a jornalistas, no programa Roda Viva

Mariana Moreira Fonte: Renan Truffi cartacapital.com.br, 05/09/16

noite desta segunda-feira (14). “Se você me perguntar ‘se Lula for preso isso causa um problema para o governo?’ O presidente da República, Eu acho que causa. Não para Michel Temer, disse, em o governo, mas para o país. entrevista ao programa “Roda Porque haverá evidentemente Viva”, da TV Cultura, que movimentos sociais. Toda vez uma condenação ou prisão do que você tem um movimento ex-presidente Luiz Inácio Lula social de contestação, da Silva traria instabilidade ao especialmente de uma decisão país. O programa foi ao ar na do Judiciário, isso pode criar

uma instabilidade”, disse Temer ao ser questionado sobre o tema pelo jornalista Ricardo Noblat. O presidente afirmou esperar que “no plano presidencial”, se existirem acusações contra Lula, que essas sejam “processadas com naturalidade”, mas reconheceu que as reações possivelmente desestabilizariam Lula e Temer, em encontro descontraído. o país.

UESLEI MARCELINO/REUTERS


Política

6- Jornal Informe

FACHA - Semestre 2016/2

Janot: inconstitucionalidade do Escola Sem Partido Procurador-geral avaliou que projeto despreza a capacidade intelectual dos alunos restringe a liberdade de expressão e vai contra os princípios educacionais e constitucionais Mariana Moreira Fonte: Rodrigo Gomes carosamigos.com.br, 21/10/16 O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, emitiu parecer pela inconstitucionalidade da Lei alagoana 7.800, de 2015, que instituiu o Programa Escola Livre, proposta baseada no projeto Escola Sem Partido – que proíbe qualquer afronta a convicções religiosas ou morais dos pais e dos alunos e a apresentação de conteúdo “ideológico” aos estudantes. Para Janot, o projeto despreza a capacidade intelectual dos alunos, restringe a liberdade de expressão e vai contra os princípios educacionais e constitucionais brasileiros.

Para Janot, limitar a manifestação do professor no ambiente escolar, “em razão de hipotética contrariedade a convicções morais, religiosas, políticas ou ideológicas de alunos, pais e responsáveis, não se compatibiliza com os princípios constitucionais que conformam a educação nacional, os quais determinam liberdade de ensinar e divulgar cultura, pensamento, arte, saberes, pluralismo de ideias e de concepções pedagógicas e gestão democrática do ensino”. Ele também criticou a definição genérica e vaga quanto à proibição de doutrinação política e ideológica, à emissão de

opiniões político-partidárias, religiosas ou filosóficas. “Constitui restrição desproporcional à liberdade de expressão docente, a qual se revela excessiva e desnecessária para tutelar a liberdade de consciência de alunos”, argumentou. O procurador-geral considera equivocada a ideia de que os alunos são vulneráveis às ideias do professor e que este poderia impor suas convicções a eles. “Despreza a capacidade reflexiva dos alunos, como se eles fossem apenas sujeitos passivos do processo de aprendizagem, e a interação de pais e responsáveis, como se não influenciassem a formação de consciência dos estudantes”.

Procurador geral da República, Rodrigo Janot

Temer diz que não se deve dar muita importância às ocupações nas escolas Presidente voltou a criticar ações de estudantes contra a PEC que limita os gastos públicos JORGE WILLIAM/ AGÊNCIA BRASIL

— Você sabe o que é uma PEC? “PEC é a proposta de ensino comercial.” Quer dizer, as pessoas não leem um texto. Não estou dizendo dos que ocupam ou não ocupam. Mas em geral — havia dito a uma plateia de empresários nesta terça-feira. Nesta quarta-feira, ele deixou claro que questiona o conhecimento dos alunos sobre as reformas que o governo encampa. — Se você for perguntar lá exatamente o que estão combatendo, quais são os dispositivos do texto legal, não sei se todo mundo conhece — declarou, para logo em seguida completar: — Não tem problema Michel Temer em evento da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em parceria com o jornal “Valor Econômico” nenhum. Estamos fazendo uma grande reforma do Mariana Moreira públicos e à reforma do 1.200 escolas estariam ‘Você sabe o que é PEC?’ Ensino Médio, desejada há Fonte: Eduardo Barreto Ensino Médio via Medida ocupadas em todo o país. muito tempo e jamais feita discurso em um oglobo.com, 09/11/16 Provisória. Temer disse Na última semana, O Em no país. nesta quarta-feira que GLOBO visitou escolas seminário do jornal “Valor A reforma do Ensino Médio BRASÍLIA - O presidente não se deve dar “muita do Paraná e ouviu os Econômico”, Temer havia enviada pelo governo ao Michel Temer voltou a importância” para essa argumentos a favor e criticado pela primeira vez Congresso foi em forma essas manifestações, dizendo comentar o movimento ações, sugerindo que os contra as mobilizações. de Medida Provisória: para de ocupações em escolas, estudantes não sabem o O Ministério da que esses estudantes que que ela passe a valer de principalmente em que combatem. Educação só relacionou protestam não saberiam o vez, Câmara e Senado têm resistência à proposta de Segundo nota divulgada as escolas ocupadas que significado da sigla PEC. Logo de aprovar a matéria em emenda constitucional pela União Brasileira dos iriam receber o Exame depois, contudo, minimizou, quatro meses, com o risco (PEC) que limita o Estudantes Secundaristas Nacional do Ensino afirmando que referia-se à de obstrução das pautas população em geral. crescimento dos gastos (Ubes) ontem, mais de Médio (Enem). nas Casas.


Cidade

FACHA - Semestre 2016/2

Jornal Informe - 7

Rio soma quase 4 mil homicídios por intervenção policial

De janeiro a agosto de 2016, houve 18% mais mortes que período em 2015. Nova cúpula da Segurança promete redução da letalidade de civis e policiais Inara Cristina Diniz Fonte Henrique Coelho Do G1 Rio 26/10/2016 A disparada dos indicadores de violência no Estado do Rio em 2016 tem nos homicídios decorrentes de intervenção policial alguns de seus números alarmantes. Em 2016, entre janeiro e agosto, foram mais de 544. O número é 18% maior do que a quantidade de casos no mesmo período de 2015, quando foram computados 459 casos. Estamos fazendo um estudo para diminuir a vitimização de policiais como de civis (...) Temos que ter em mente que quem enfrenta a polícia corre o risco de morrer” Coronel Wolney Dias, comandante-geral da PM O levantamento do G1 foi feito com base em estatísticas do Instituto de Segurança Pública (ISP). Entre janeiro de 2010 e agosto de 2016, houve 3.985 autos de resistência, uma média de 50 por mês. Durante sua posse, no último dia 17, o novo secretário de segurança, Roberto Sá, afirmou que um dos objetivos é a redução da letalidade. Na terça-feira (25), o novo comandantegeral da Polícia Militar, Wolney Ferreira Dias, declarou durante sua posse que a corporação trabalhará para diminuir mortes de policiais e de civis. Cleiton Corrêa de Souza, de 18. Por trás dos números das estatísticas estão muitas mortes de criminosos em confrontos, mas também há casos de inocentes atingidos por engano ou por erros de policiais.

Familiares dos 5 jovens negros assassinados pela PM em Costa Barros em manifestação na Central do Brasil. Foto:Jose Andrade O taxista Carlos Silva de Souza, por exemplo, jamais vai esquecer o dia 28 de novembro de 2015, quando seu filho foi atingido por 11 tiros disparados por policiais do 41º BPM (Acari) contra o carro em que estava com outros quatro amigos. O crime aconteceu em Costa Barros, na Zona Norte do Rio. Meses depois, ele contou ao G1 que chegou a tentar o suicídio na Ponte Rio-Niterói, após ter deixado uma das filhas com a família na Região dos Lagos. Os casos na área do batalhão responsável pela área de Costa Barros chegaram a 72 até agosto de 2016, contra 71 em todo o ano de 2015. As vítimas foram Wilton Esteves Domingos Júnior, de 20 anos; Wesley Castro Rodrigues, de 25; Roberto Silva de Souza, de 16, e Cleiton Corrêa de Souza, de 18. Carlos Eduardo havia recebido seu primeiro salário e havia ido comemorar o fato no Parque Madureira. Quando chegou

em Costa Barros, foi atingido por vários tiros. “O maxilar do meu filho ficou destruído”, lembra o pai. Os jovens foram enterrados sob grande comoção. Os PMs Fabio Pizza Oliveira da Silva, Antônio Carlos Gonçalves filho, Thiago Resende Viana Barbosa e Marcio Darcy Alves dos Santos respondem pelos crimes de homicídio qualificado e fraude processual. Eles foram presos no dia seguinte ao crime e assim permaneceram até junho de 2016, quando foram soltos através de uma liminar no Superior Tribunal de Justiça. Em agosto, no entanto, o Ministério Público recorreu e a Justiça determinou a volta para a prisão dos quatro policiais. Os quatro PMs do 41º BPM (Irajá) suspeitos de terem atirado mais de 100 vezes contra um carro no qual estavam cinco jovens em Costa Barros, na

Zona Norte do Rio, estão soltos desde segunda-feira (22). A informação foi confirmada pela Polícia Militar, que no entanto não confirmou em qual unidade e setor eles voltarão a trabalhar até a resolução do caso. Segundo a PM, eles serão colocados em serviços administrativos. Fabio Pizza Oliveira da Silva, Antônio Carlos Gonçalves filho, Thiago Resende Viana Barbosa e Marcio Darcy Alves dos Santos foram soltos graças a uma decisão do Superior Tribunal de Justiça do dia 14 de junho. No texto do Ministro Nefi Cordeiro, o decreto justifica a prisão apenas devido à presença de indícios de delito, porém sem fundamentos para fundamentar a prisão preventiva pedida. Uma nova audiência do caso na Justiça do Rio está marcada para o dia 4 de julho. ’Muito revoltado’ Julio Cesar Pitangi é o pai de Wesley Castro, de 20 anos, um dos cinco jovens mortos na ação. Ele se disse “muito revoltado” ao saber da decisão. “Como eles matam 5 inocentes e são soltos? Acham que a gente é cachorro, que eles chegam, matam e fica por isso mesmo”, desabafou ele. Já Carlos Henrique do Carmo Souza, pai de Carlos Eduardo, se diz ‘temeroso’ com a situação atual. “Eu estou com medo, porque nós sofremos uma violência na carne já. Para sofrer outra, pouco custa”, lamentou. “Estamos procurando as autoridades para tratar disso, e até agora nada. Fico com medo da violência dessa cidade, imagina daqui a cinco anos”, pontuou.

Operação Centro Presente captura 86 foragidos em quatro meses

ALERJ informa que reduziu em R$ 169 milhões Servidores denunciam epidemia e falta de os custos da Casa em 2015

Inara Cristina Diniz Do extra.com 09/11/2016

Inara Cristina Diniz Do extra.com 15/11/16

Inara Cristina Diniz Fonte: Marina Navarro Lins

Oitenta e seis foragidos da Justiça foram capturados por agentes da Operação Centro Presente desde que ele começou, em julho, até agora. Os agentes se espalham por quatro bases - Praça Mauá, Praça XV, Largo da Carioca e Central do Brasil - e também conseguiram diminuir os roubos a pedestres na região central. Além disso, as equipes coíbem o consumo e o comércio de drogas. A Operação Centro Presente é fruto de uma uma parceria entre a Secretaria estadual de Assistência Social e Direitos Humanos, a Fecomércio-RJ e a prefeitura do Rio.

RIO - A Assembleia Legislativa do Rio informou, em nota, que vem reduzindo gastos de custeio desde 2014, alcançando em 2015 uma economia de R$ 169 milhões. Em nota, em resposta a reportagem sobre gastos que a Casa mantém apesar da crise, a assessoria da Alerj informou que desde fevereiro de 2015, quando a atual Mesa Diretora assumiu, o parlamento do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) está promovendo diversos cortes de custeio (despesas referentes a serviços e aquisições da Casa). A determinação do presidente Jorge Picciani foi reduzir todos os contratos em, no mínimo, 10%. Em alguns casos, a redução chegou a 50%. Também houve cancelamento de contratos. Entre as determinações para redução de gastos estão, segundo a nota: a diminuição de homenagens e medalhas concedidas pelos deputados. Elas foram limitadas a três por ano. Antes, o limite era de dez (economia em sessões solenes, horas extras de funcionários, luz e água, por exemplo). O uso do plenário para auditório também foi reduzido para economizar luz.

Servidores do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) narraram as condições desumanas vividas na unidade da Ilha do Governador. Internos andam descalços e dormem em quartos inundados pela água de privadas entupidas. Eles contam que há uma epidemia de tuberculose entre os internos, e que os inspetores trabalham sem qualquer proteção contra a doença. — Não recebemos salários e ainda temos que trabalhar em condições insalubres.

higiene em unidade do Degase


Cidade

8- Jornal Informe

Brasil faz história

Beatriz Ferreira Fonte: g1.globo.com (21/08/2016)

Na Olimpíada em casa, o Brasil se inspirou e fez a melhor campanha de sua história nos Jogos, quebrando o recorde de ouros para o país: 7. Além disso, foram 6 pratas e 6 bronzes, garantindo em 13º lugar no quadro de medalhas, com um total de 19 pódios – marca também inédita. Apesar do resultado, o país não bateu a meta estabelecida pelo Comitê Olímpico Brasileiro, de ficar entre os 10 primeiros do ranking. Nas competições, muitas surpresas e algumas decepções. Teve

FACHA - Semestre 2016/2

Transporte, Boulevard e caça a ‘souveniers’

ouro inédito (e nada de 7 x 1...) para o futebol brasileiro na Olimpíada. Liderada por Neymar, a seleção ignorou o trauma da Copa de 2014, bateu a Alemanha nos pênaltis na final. Mas foi tenso. A campanha da equipe ficou marcada ainda pela superação: da desconfiança, dos memes, da comparação “Marta > Neymar” e dos empates em 0 x 0 com as “poderosas” seleções da África do Sul e do Iraque nos primeiros dois jogos. No fim, pela primeira vez, Brasil no posto mais alto do pódio nos Jogos – era o título que faltava.

Legado olímpico pessoal internet/google.com

Beatriz Ferreira Fonte: g1.globo.com (21/08/2016) O sistema de transporte no Rio, as festas e shows no Boulevard Olímpico e a caça aos “souvenirs” foram alguns dos principais destaques da Rio 2016. A estrutura de transporte para os locais de competição foi aprovada pelos moradores do Rio e turistas que visitaram a cidade, apesar de algumas filas e trens cheios. O G1 testou e gastou 1h30 da Zona Sul até o Parque Olímpico, na Barra da Tijuca. Foi um “boulevard de encontros”. Mesmo fora do Parque Olímpico, o clima de festa se espalhou pela cidade. E os principais points estavam no Parque Madureira, no bairro de Campo Grande e na região portuária do Rio, onde foram instalados os boulevares olímpicos. Com programação intensa e gratuita de shows, apresentações de cinema e teatro, festas temáticas e o melhor da noite carioca e das transmissões das provas olímpicas, os boulevares viraram parada obrigatória para os visitantes da cidade, gringos e brasileiros, que queriam festejar e não tinham ingressos para as competições. A busca

por lembranças temáticas da Olimpíada criou um mercado paralelo no Rio. Os torcedores queriam tantos copos de cerveja ilustrados com as modalidades da competição, que eles ficaram em falta e a venda da bebida precisou ser suspensa. Cada unidade era vendida por R$ 13 – como são 42 esportes diferentes, a coleção completa sairia por R$ 546. Para não precisar gastar toda esta quantia, havia troca de copos repetidos. As moedas comemorativas de R$ 1, com ilustrações de esportes e de mascotes, foram disputadas e chegaram a ser vendidas por até R$ 150. E os pins, broches metálicos, também agitaram os complexos esportivos. Os itens viraram tradição em Olimpíadas – houve quem reunisse “souvenirs” com mais de 40 anos. Para aumentar a coleção, era possível comprar, vender ou trocar os pins. Durante a segunda semana do mês, a prefeitura disponibiliza o espaço para uma feirinha de produtos artesanais que são produzidos e comercializados por moradores locais. São vendidos desde bolsas térmicas a brincos feitos com tecidos. internet/google.com

Por Beatriz Ferreira bia.ferreira13@gmail.com Segundo a Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, “o plano do legado olímpico inclui 27 projetos de obras de infraestrutura e políticas públicas nas áreas de mobilidade, meio ambiente, urbanização, esporte, educação e cultura. Desse total, 14 estão em execução pela Prefeitura do Rio, dez pelo Governo do Estado e outros três pelo Governo Federal.* ”. Dito isto, é clara a visão do legado olímpico para a Cidade. Entretanto, o questionamento que resta é: E os voluntários/funcionários que trabalharam para que os Jogos da Rio 2016 acontecessem, qual será o legado pessoal deles? É sobre eles que falaremos. Leonardo Boy trabalhou como gerente do centro de credenciamento do Aeroporto Internacional Tom Jobim. Com o total de um ano e sete meses trabalhando para que os jogos se realizassem, destacou durante a entrevista que “Trabalhar na Rio2016 foi um grande aprendizado, no Comitê existiram pessoas de todas as etnias, cores, nacionalidades, idades e pessoas com deficiência. Para mim, planejar os Jogos com um grupo tão diferente enriqueceu minha vida pessoal e profissional. O que mais me marcou durante a minha jornada, foi quando participei do

programa Transforma, um projeto que visava levar os princípios Olímpicos e Para-Olímpicos para as escolas públicas. Eu fui em uma escola em Copacabana e vi o quanto os alunos se mostraram entusiasmados com os Jogos e o quanto ficaram fascinados ao saber dos valores presentes neste grande evento. O que levo dos jogos vai muito além de uma festa, é amizade, superação, amor e, acima de tudo, o respeito. ” Palavras do próprio. Saulo Bulhões trabalhou como voluntário no centro de credenciamento do Aeroporto Internacional Tom Jobim, no período de 25 de julho à 21 de setembro. Segundo ele, o trabalho foi uma das melhores experiências profissionais já realizadas, pelo fato de querer/optar estar ali, descobrir habilidades de trabalho em equipe, realizando o melhor que pudesse. “Trabalhar para o mundo, obter o reconhecimento de todos pela dedicação e recepcionando pessoas de diversos lugares foi uma experiência maravilhosa. O momento mais marcante foi ter sido homenageado na cerimônia de encerramento, ter dançado ao lado de Lenine e de um grande amigo que fiz durante os Jogos. Em suma, eu vivi durante a Rio 2016 uma das melhores experiências da minha vida e foi um prazer inenarrável.” *Retirado do portal do Governo www. portomaravilha.org.br

Protestos nos estádios Beatriz Ferreira Fonte: g1.globo.com (21/08/2016) O clima de protestos pôde ser sentido já na cerimônia de abertura da Olimpíada. O presidente em exercício, Michel Temer, foi vaiado durante sua fala ao abrir oficialmente os Jogos e também recebeu manifestações de apoio. Nos dias que se seguiram, por causa de uma lei sancionada pela presidente afastada, Dilma Rousseff, pessoas que portavam cartazes de protesto e com a inscrição “Fora, Temer” foram retiradas das arenas pelas forças de segurança. Os protestos silenciosos feitos dentro do Parque Olímpico da Barra, Deodoro e Engenhão foram registrados pela Imprensa internacional e ganhou destaque em grandes jornais americanos e europeus. O então presidente interino Michel Temer tentou proibir qualquer manifestação contra o mesmo, entre-

tanto não obteve sucesso, já que todo cidadão brasileiro tem direito a manifestar sua insatisfação para com o Governo. No dia 8 de agosto, uma liminar da Justiça Federal vetou a proibição de protestos nas arenas e estabeleceu multa para o Estado do Rio, a União e o Comitê Olímpico caso a medida fosse descumprida. Os protestos foram, então, liberados. internet/google.com


Internacional

FACHA - Semestre 2016/2

Jornal Informe - 9

Trump diz que plano de Hillary para a Síria levaria o mundo à 3ª Guerra Republicano afirma que adversária tem posição muito agressiva; Colin Powell declara voto em democrata

TRUMP EM CAMPANHA EM SANFORD, FLÓRIDA (FOTO: EVAN VUCCI/AP)

Amanda Trintim e Luiza Braz Fonte: Estadao.com, 25/10/16

Branca, Donald Trump, afirmou nesta terça-feira, 25, que o plano da democrata WASHINGTON – O can- Hillary Clinton para a Síria didato republicano à Casa poderia “levar o mundo à 3.ª

Oposição venezuelana organiza manifestações contra Maduro Mesa da Unidade Democrática chamou os opositores a uma “Tomada da Venezuela” para colher assinaturas e convocar um referendo revogatório contra o chavista

Amanda Trintim e Luiza Braz Fonte: Zero Hora AFP (26/10/16) A oposição venezuelana tentará, nesta quarta-feira, demonstrar força nas ruas através de manifestações distribuídas em todo o país, após a suspensão do processo de referendo revogatório do presidente Nicolás Maduro. A situação vem elevando a crise política na Venezuela. A coalizão Mesa da Unidade Democrática (MUD) convocou os opositores a uma “Tomada da Venezuela”, no que deve ser o primeiro de três dias para a coleta de quatro milhões de assinaturas — 20% do padrão eleitoral —, último passo antes da convocação do referendo. Com a campanha, a oposição espera deixar em evidência a rejeição da população ao governo de Maduro. O processo foi suspenso na semana passada por decisão de tribunais penais regionais, que aceitaram denúncias de fraude do governo na primeira etapa de coleta das assinaturas de 1% do padrão eleitoral, necessárias para autorizar a fase seguinte de registro de 20% das assinaturas do padrão eleitoral. Governo e oposição, que trocam acusações de “golpismo”, exploram ao mesmo tempo a

possibilidade de um diálogo com a mediação do Vaticano, em meio a uma profunda crise econômica que provoca escassez de alimentos e remédios, além de uma inflação calculada pelo FMI em 475% para este ano. O governo atribui a crise econômica a “empresários de direita” que pretendem desestabilizar Maduro, mas a oposição responsabiliza o modelo socialista do governo e afirma que o referendo é a última “válvula de escape” de uma população irritada por ter de enfrentar longas filas para obter os poucos produtos com preços subsidiados. Durante as manifestações da MUD, nesta quartafeira, Maduro deve estar reunido com o Conselho de Defesa da Nação, que tem a participação de todos os poderes públicos e no qual pretende abordar o que considera um “golpe parlamentar”, em referência à aprovação de um julgamento de responsabilidade política contra o presidente por parte da Assembleia Nacional. Neste contexto, o ministro da Defesa, general Vladimir Padrino, e o alto comando militar divulgaram na terçafeira um comunicado em que ratificam a “lealdade incondicional” a Maduro. ●

Guerra”, em razão do potencial para conflito com as forças militares da Rússia, uma potência nuclear. Em uma entrevista sobre política externa, Trump disse que combater o Estado Islâmico é uma prioridade maior do que tentar remover o presidente sírio, Bashar Assad, do poder, diminuindo a importância de um objetivo buscado pela política americana há muito tempo. Na mesma entrevista, concedida à agência Reuters, ele questionou como seriam as relações entre EUA e Rússia

sob a presidência de Hillary depois de ela ter “demonizado” o presidente russo, Vladimir Putin; culpou o presidente Barack Obama pelo péssimo momento nas relações com as Filipinas com o presidente Rodrigo Duterte; e lamentou a falta de unidade republicana em torno de sua candidatura. Ainda com relação à guerra civil síria, Trump disse que Hillary poderia arrastar os EUA para uma guerra mundial com sua posição agressiva para resolução de conflito.

Powell. Apesar das críticas do magnata sobre a política externa de Hillary, a democrata conseguiu hoje um importante apoio nesse setor de alguém do próprio partido de Trump. O ex-secretário de Estado Colin Powell afirmou que votará em Hillary e não para Trump. O republicano e general quatro estrelas aposentado do Exército fez seu anúncio hoje, se tornando o último de uma série de funcionários da administração Bush a rejeitar a indicação do Partido Republicano. ●

Adolescente morre baleada durante distribuição de alimentos no Haiti Amanda Trintim e Luiza Braz Fonte: Zero Hora AFP (25/10/16) Uma adolescente morreu e outras três pessoas ficaram feridas na tarde desta terça-feira em Dame-Marie, uma pequena cidade do sudoeste do Haiti, quando capacetes azuis brasileiros distribuíam ajuda humanitária destinada às vítimas do furacão Matthew, anunciou a ONU.

Um navio colombiano descarregava no porto de Dame-Marie, 220 km a oeste de Porto Príncipe, quando uma multidão avançou sobre o cais. “Os capacetes azuis brasileiros, que apoiavam a Polícia Nacional haitiana, dispararam balas de borracha e bombas de gás lacrimogêneo”, disse à AFP Mourad Whaba, coordenador humanitário da Missão da ONU no Haiti (Minustah).

Já a Polícia Nacional (PNH) utilizou munição real contra a multidão, que protestava contra a demora na entrega da ajuda humanitária, três semanas após a passagem de Matthew pelo sul do Haiti. Uma adolescente morreu ao ser baleada no tórax e outras três pessoas ficaram feridas por disparos, informou Mourad Whaba, acrescentando que o incidente é investigado pela ONU. ●

Rei da Tailândia, Bhumibol Adulyadej morre aos 88 anos, em hospital A causa da morte do monarca ainda não foi informada pelo palácio. Ele estava há 70 anos no trono e mantinha status de semideus O rei da Tailândia, de 88 anos, era o maior decano dos monarcas em exercício no mundo: estava há 70 anos no trono e gozava de um status de semideus, fruto de décadas de culto a sua personalidade. Nas redes sociais, muitos tailandeses substituíram sua foto de perfil por uma imagem em Amanda Trintim e Luiza Braz nesta quinta-feira (13/10) di- amarelo e rosa na qual se lia Fonte: Correio Braziliense ante do Hospital Siriraj onde “Longa vida ao rei”. A hashtag France Presse (13/10/16) o rei, uma figura semidivina com esta mesma expressão em cuja morte afundaria o país inglês, #longlivetheking, tamO rei da Tailândia, Bhumi- em um período de incerteza, bém foi muito utilizada pelos bol Adulyadej, morreu aos estava internado. Vestidos de internautas para comunicar 88 anos às 5h52 (horário de rosa e amarelo, as cores da suas orações virtuais. A princBrasília) desta quinta-feira monarquia, mais de 500 fiéis esa Ubolratana, a filha mais (13/10), em Bangcoc. A causa budistas entraram durante o velha do rei, publicou no Inda morte não foi informada dia no local para depositar flo- stagram um coração amarelo pelo palácio. Uma multidão res e acender incensos. Mui- com fundo rosa, reafirmando de tailandeses segue reunida tos rezaram ajoelhados. seu amor pelo pai. ●


10- Jornal Informe

Tecnologia

Mudanças no Jornalismo. O que realmente mudou?

As maneiras de comunicação que romperam barreiras Créditos: http://blog.imprensa.me/jornalismo-digital-ferramentas-e-recursos-que-todo-jornalista-deve-conhecer/

Gabriel Morsch gabrielmorsch@hotmail.com Nos últimos anos, observamos notórias mudanças em várias esferas da sociedade. Uma dessas grandes mudanças se deu na área de comunicação. A grande ascensão das mídias sociais e da era digital proporcionou uma grande transformação paralela do mundo jornalístico, trazendo a tecnologia a favor da comunicação. O acesso facilitado auxilia nesse crescimento constante em que se encontra esse tema nos dias atuais. Uma série de discussões surge quando esse tema em específico aparece em foco. Muitos colocam em dúvida a confiabilidade das informações que são geradas diariamente. Devido ao fácil acesso já citado, a quantidade de notícias e informações cresce constantemente. Entretanto, a qualidade e a veracidade das mesmas são colocadas em questão. O público e a sociedade como um todo deve se adaptar a essa nova era. A responsabilidade na busca de suas fontes de informação. O entrevistado Vinícius Menezes, editor chefe do jornal Bom Dia Brasil, acredita que as mudanças causaram enorme impacto na comunicação atual. “Tente imaginar como você pesquisava um nome, um local, um fato antigo sem os buscadores da rede. o celular também foi uma revolução porque você passou a ter acesso imediato às fontes sem depender de secretárias e telefonistas e aproximou as equipes. Permitiu um diálogo mais entre repórter e editor durante a execução da matéria.”

Observa-se as mudanças do jornalismo ao passar dos anos, tornando cada vez mais ágil as formas de comunicação com o público. O crescimento da das mídias sociais criou novas formas de jornalismo. Todos nós, de uma certa forma, emitimos e recebemos informação a partir da criação de blogs, sites e mesmo nas redes sociais mais conhecidas, como instagram, facebook e twiter. Os canais do Youtube nos permitem a segmentação da notícia, direcionada a um público específico e ao mesmo tempo universal. A informação, juntamente com seus meios, modificou-se e hoje abrange um público maior. Alguns pontos devem ser destacados e fortalecem o porquê do fácil acesso do público ao jornalismo. O compartilhamento nas mídias sociais é território fácil onde as notícias se espalham e “viralizam” de uma maneira muito rápida. Inclui-se aí a criação de aplicativos, que se adequam ao que o público deseja, algo prático, com boa visualização. Porém, existem partes negativas desse crescimento constante. Aumenta-se a quantidade, perde-se qualidade. Falsas notícias são facilmente implantadas, e com o fácil compartilhamento e visualização, acabam se tornando uma “verdade”, sem checagem, sem confirmação, pressupostos básicos da boa informação. O público não se preocupa em buscar outra fonte para confirmar a veracidade das informações, e o emissor coloca em suas notícias elementos que ele mesmo não apura. Ao final, percebe-se diversos pontos negativos e positivos, fazendo com que haja uma diversificação.

A fiscalização se torna uma tarefa difícil e complexa, devido a abrangência que as informações ocorrem diariamente. Como a velocidade da informação é algo relevante nos dias atuais, as matérias são feitas rapidamente e por muitas vezes não atendem aos requisitos que uma informação necessita. Não ocorre o aprofundamento da notícia, dados são deixados de lado, justamente para atender a rapidez da rede.

O novo jornalismo latino-americano

FACHA - Semestre 2016/2

Gabriel Morsch Fonte: Isabela Afonso, Jornal Jr/ UNESP Por que ser jornalista? Começo esta crônica com a mesma pergunta que ouvi diversas vezes desde que entrei na faculdade: por que jornalismo? A resposta poderia vir com o clichê acomodado da maioria: gosto de ler e escrever. Mas ela vai além. Jornalismo envolve boa linguagem, conhecimento de mundo, leituras assíduas, boa coesão e uma gramática rígida, e tudo isso o é somente a base. A aventura mesmo fica por conta de se desbravar pelo mundo através de pessoas e lugares que nunca vimos ou conversamos antes. Escolhi jornalismo não só por ele me dar o espaço para esboçar minhas impressões através de palavras, mas também porque a profissão me desafia a quebrar minha timidez, bater em portas desconhecidas e exercer um olhar crítico sobre a sociedade e seus problemas. Ser jornalista não é algo simples. Exige persuasão, cara de pau e muita coragem. É preciso ser observador e estar disposto a ter sua imagem vista com ódio muitas vezes, e ser recompensado com compaixão em outras. O iPhone 7 e o iPhone 7 Plus chegaram nesta sexta-feira (16) às lojas dos Estados Unidos e outros países, um ano depois do lançamento do iPhone 6S e do iPhone 6S Plus. O modelo mais básico, de 32 GB, custa US$ 649 (cerca de R$ 2.150 sem impostos) no site da Apple. Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Ainda pouco publicados no Brasil, autores como Juan Villoro, Leila Guerriero e Alberto Salcedo Ramos se destacam em livros e revistas Gabriel Morsch Fonte: Guilherme Freitas Jornal O Globo 21/05/2016

Gabriel Morsch Fonte: Ana Marques Tech Tudo 16/09/2016

No Brasil, crônica é um gênero difícil de resumir, com pitadas de ensaio, ficção e jornalismo, lapidado por mestres como Rubem Braga, Paulo Mendes Campos e Verissimo. Nos países de língua espanhola, crónica é algo diferente, mas com o mesmo sentido de mistura e liberdade. Na descrição de um de seus praticantes mais celebrados, o mexicano Juan Villoro, a crónica é “o ornitorrinco da prosa”, indefinível, mas inconfundível: uma reportagem narrativa, que busca a imersão do romance, a concisão do conto, a dramaticidade do teatro e a argumentação do ensaio, sem abandonar o terreno factual do jornalismo.

Apesar ter afirmado que não iria divulgar o volume inicial de vendas do novo top de linha, a Apple comunicou que durante o período de encomendas online, todas as unidades do iPhone 7 Plus e o modelo Jet Black (preto brilhante) do iPhone 7 se esgotaram. Ou seja, se você estava pensando em comprar o modelo com câmera dupla em lojas da Apple nos EUA, isso não vai acontecer nesta sexta. O mesmo vale para a nova opção de cor do iPhone. Todos os modelos continuam sendo vendidos no site da fabricante e a disponibilidade em lojas parceiras deve ser confirmada diretamente com cada estabelecimento.


Tecnologia

FACHA - Semestre 2016/2

Jornal Informe - 11

Carregador da Motorola promete 8 horas de bateria em apenas 15 minutos Acessório tem versões para carro e para tomada comuns TECHTUDO

João Rebello Fonte: Aline Jesus - TechTudo 05/06/2016 O TurboPower, carregador portátil lançado esta semana pela Motorola, promete facilitar a vida dos usuários. O acessório, que tem versões para carro e para tomada comuns, promete carregar a bateria do celular em apenas 15 minutos, deixando o aparelho pronto para mais 8 horas de vida útil. O aparelho é compatível com qualquer dispositivo que seja carregado via USB. Mas a recarga em 15 minutos só acontece nos aparelhos Motorola DROID Turbo, Nexus 6 e a segunda geração do Moto X. Outros dispositivos com tecnologia Qualcomm QuickCharge 2.0, como o Samsung Galaxy Note 4. LG G Flex 2 e LG G4, ser carregados até 75% mais rápido do que o tempo normal. O TurboPower ainda garante fazer a recarga sem viciar a bateria do gadget, graças a um algoritmo que a Motorola criou para isso. Os carregadores custam US$ 29,99 (R$ 95) e US$ 34,99 (R$ 110), para carro e parede, respectivamente, no site oficial da Motorola nos Estados Unidos. Ainda não há informações sobre seu lançamento no Brasil. Turbo Power carrega dispositivos com USB por 8 horas em apenas 15 minutos

iPhone 7 começa a ser vendido no Brasil nesta sexta-feira

Google lança PhotoScan João Rebello g1.com - 15/11/2016 O Google lançou nesta terça-feira (15) o PhotoScan, aplicativo que digitaliza fotos de papel e as transforma em imagens digitais sem defeitos e as integra ao Google Photos. O serviço de armazenamento e gerenciamento de imagens da empresa, por sua vez, ganha novas funções, como recursos de edição e vídeos que mostram mudanças promovidas pela passagem do tempo em pessoas e lugares. PhotoScan: A tecnologia por trás do PhotoScan dribla um incômodo enfrentado por quem tenta levar fotos físicas para o mundo digital simplesmente tirando fotografias delas. Ela elimina imperfeições e reflexos de luz, mesmo que a foto digitalizada esteja em uma moldura de vidro. No PhotoScan, o usuário só tem de enquadrar a foto e mover a câmera para focar pontos indicados na tela.

Samsung lança ‘mini fones de ouvido’ Bluetooth Empresa finalmente tornou oficial o lançamento do seu Gear IconX, um par de fones de ouvido bem compacto e sem fio

João Rebello Fonte: Tec Mundo - 02/06/16

João Rebello Fonte: Redação Link - O Estado de Depois de uma série de vazamentos, S.Paulo - 10/11/2016 a Samsung finalmente tornou oficial o lançamento do seu Gear IconX, um O iPhone 7 e iPhone 7 Plus, versões par de fones de ouvido bem compacmais recentes do smartphone da Ap- to e sem fio que funciona no padrão ple, começam a ser vendidos no Brasil intra-auricular. Eles não possuem nennesta sexta-feira, 11. Os produtos es- hum tipo de fio para se conectarem um tarão à venda por meio de sites de co- ao outro, ao seu smartphone ou à capmércio eletrônico a partir da 0h, mas inha que os acompanha. também estarão disponíveis em lojas Essa capinha é na verdade o mecanfísicas do varejo e de operadoras a ismo de carregamento. Os fones pospartir da manhã desta sexta-feira. Os suem baterias independentes, mas elas preços do produto vão de R$ 3,5 mil só duram o suficiente para executar (iPhone 7, com 32 GB de armazena- uma hora e meia de música por Bluemento) a R$ 4,9 mil (na versão mais tooth ou três horas e meia tocando as turbinada, iPhone 7 Plus com 256 GB faixas armazenadas localmente. Sim, de armazenamento). o IconX possui memória interna, e a O aparelho será vendido em seis capacidade é de 4 GB. A transferência versões no Brasil, nos modelos 7 e 7 de arquivos é feita através da capinha, Plus, com 32 GB, 128 GB ou 256 GB com o mesmo cabo usado para o carde armazenamento (confira abaixo os regamento da bateria. preços de todas as versões do smartphone). No mercado brasileiro, o iP- Diferencial: hone 7 será vendido em cinco cores: preto, preto brilhante, prata, ouro e Essa não é a primeira vez que uma emrosa dourado. presa lança fones como esses, Sam-

sung tem alguns diferenciais interessantes. Além de funcionar como fone de ouvido, o dispositivo também é um rastreador de atividades físicas. Ele consegue medir batimentos cardíacos, calcular calorias gastas, distância percorrida em passos, além de outros detalhes. Isso só é possível caso você use u smartphone Samsung com S Health.

Mesmo assim, a coreana não impede que o IconX funcione com outros smartphones Android. Ele requer apenas que você tenha um dispositivo com KitKat 4.4 ou superior e 1,5 GB de RAM, uma vez que é necessário instalar um app para controlá-lo. Infelizmente, o iOS não é suportado.

TECMUNDO

Novo IconX Samsung que já tem um preço definido nos EUA, US$ 199,99 ou R$ 716,60 em conversão direta


12- Jornal Informe

Comportamento

FACHA - Semestre 2016/2

Como arrumar uma mala de viagem Saiba como aproveitar ao máximo o espaço que a sua mala oferece escolha do que levar. “O que deve ser considerado: quanto tempo você vai ficar; o clima do local; a mudança de clima e os eventos (vai sair para jantar? Dançar? Etc.)”, diz Claudia Moura. 1)Primeiro as calças: coloque estas peças esticadas no fundo da mala com as pernas para fora. Depois de colocar tudo, dobre as pernas da calça por cima das outras roupas. 2)Depois, coloque bermudas e shorts. 3)Na sequência, coloque os vestidos. “Eles devem ser dobrados o mínimo possível e colocados esticados, com parte da roupa para fora da mala (assim como foi feito com as calças)”, destaca a personal organizer. 4)Camisetas devem ser dobradas como de costume – aquela dobra tradicional – e depois enroladas. “Estas peças podem ser colocadas nos cantos e espaços vazios da mala”, diz Claudia. 5)Roupas íntimas devem ser colocadas em sacos (que podem ser aqueles de TNT), para facilitar na hora de encontrá-las. Amanda Trintim e Luiza Braz res é um pouco exagerada na hora de 6)No caso de viagens para a Fonte: www.dicasdemulher.com.br arrumar a mala! Muitas gostariam de praia ou no verão: as cangas devem Thais Romanneli (06/02/14) poder colocar uma rodinha no guarda- ser colocadas esticadas e, os biquínis -roupa e levar ele inteiro, não é mes- e maiôs, em saquinhos plásticos indiO que levar? mo?! Mas, como isso não é possível, é viduais. “Eles servirão também para É verdade que a maioria das mulhe- preciso ser muito racional na hora da proteger suas roupas na volta da via-

Traga na mala: cinco cosméticos para comprar na viagem

Se você vai viajar para fora do Brasil, não pode deixar de apostar nesses produtinhos Amanda Trintim e Luiza Braz Revista Vogue Brasil Por Vogue (22/10/16) Vai viajar? Prepare sua listinha de itens-desejo, começando com a Ouai, linha da bombada cabeleireira das Kardashian, Jen Atkin - experimente o spray de textura para ondas messy. Produtos antipoluição estão em alta, e o spray Flash Defense da REN cria uma barreira contra as agressões do

Hotéis e salas vip com spa, restaurante estrelado e outras novidades para quem viaja muito

Amanda Trintim e Luiza Braz Revista Vogue Brasil Aline Cury (23/10/16) O voo atrasou ou você precisa encarar uma noite inteirinha no aeroporto esperando uma conexão para chegar ao seu destino final. Essas situações que costuman ser um verdadeiro pesadelo para todo passageiro agora podem ser

Ronaldo Fraga transforma desfile em manifesto pelo fim da violência contra transexuais Com apenas mulheres trans na passarela, apresentação emocionou o SPFW

meio ambiente. Se for para os EUA, procure pela Milk Makeup, marca de maquiagem do famoso estúdio nova-iorquino - à venda na Sephora, bem como a nova The Estée Edit, gama mais jovem da Estée Lauder que tem Kendall Jenner como musa. Por fim, não deixe de trazer o novo rímel de Charlotte Tilbury, que Amanda Trintim e Luiza Braz promete (e entrega!) cílios hiperRevista L’Officiel Brasil volumosos. • Natália Guadagnucci (26/10/16)

Vale a espera: novos serviços em aeroportos dão uma trégua às longas conexões

amenizadas com ótimos serviços que pipocam em aeroportos pelo mundo e vão muito além da tacinha de vinho no lounge da business class da companhia aérea. No principal aeroporto de Paris, o Charles de Gaulle, o espaço première da Air France tem menu assinado pelo estrelado chef Alain Ducasse e spa by Biologique Recherche. •

gem, caso as roupas de banho ainda estejam molhadas”, lembra a personal organizer. 7)Os sapatos podem ser colocados em sacos individuais de TNT, sacos tipo Zip (se forem sapatos de número pequeno) ou até mesmo em toucas de banho descartáveis. “Eles podem ser acondicionados em compartimento separado na mala ou, se tiverem protegidos, colocados mesmo junto às roupas, de preferência nos cantos da mala”, explica Claudia. 8)Se for necessário levar muitos sapatos ou sapatos de neve – que são grandes e pesados -, o ideal é uma mala separada, para não amarrotar as roupas. 9)Os produtos de higiene pessoal, cosméticos, remédios e maquiagem devem ser colocados em uma frasqueira. “Mas, se não quiser ou não tiver uma frasqueira, a dica é acondicionar estes produtos em saquinhos separados por tipos (higiene/cosméticos/ remédios/ maquiagem) e distribuir nos espaços vazios. Produtos líquidos que podem vazar na mala devem ser colocados em sacos plásticos. Aqueles tipo ZIP são ótimos”, destaca Claudia Moura. 10)Deixe o pijama e as roupas íntimas fáceis de pegar, assim você não precisa desfazer a mala toda depois de uma viagem longa. •

“Foi emocionante, até chorei”, disse Costanza Pascolato no fim da apresentação de Ronaldo Fraga no Teatro São Pedro, no centro de São Paulo. Era só o que se ouvia por lá. Muito mais do que apenas um desfile, Ronaldo usou seu espaço no SPFW para dar voz a um manifesto político e social pelo fim da violência contra transexuais no Brasil, país que mais mata pessoas trans e travestis em todo o mundo, segundo relatório da ONG Transgender Europe. O estilista fez história ao recrutar

apenas mulheres transexuais para a passarela – desta vez, o conceito do desfile não estava na roupa, e sim em quem as vestiu. Elas usavam um único modelo de vestido, inspirado nas décadas de 20, 30 e 40, que ora ganhava mangas bufantes, ora estampas de bonecas de papel. “Estamos em tempos de guerra. Minha forma de ir pra rua é essa”, disse ele. Para Ronaldo Fraga, o mundo não precisa de mais roupas; o que a moda precisa é começar a dialogar com outras frentes. Foi um lembrete para convidados e jornalistas ali presentes de que a moda é muito mais do que roupa, é também uma forma de libertação. Resistir é preciso. •


Cultura

FACHA - Semestre 2016/2 HUFFINGTONPOST.COM

Jornal Informe - 13

Ana Paula Padrão estreia como âncora do 'Conexão com The New York Times' Telejornal estreia dia 4 de novembro no canal BandNews; Jornalista e apresentadora continuará no comando do ‘MasterChef Profissionais’ Lilian Britto Fonte: Gabriel Sobreira ODia.com (25/10/2016)

Rio - Depois de dois anos apresentando o ‘MasterChef’ na Band — e de algumas coberturas jornalísticas pontuais, como a do Ebola —, Ana Paula Padrão, de 50 anos, está de volta ao jornalismo em grande estilo. Ela será Justin Bieber confirma a âncora do ‘Conexão com The New shows no Rio de Janeiro e York Times’, que estreia dia 4 de noem São Paulo vembro, às 23h, no BandNews — em Lilian Britto parceria única no mundo entre o jornal Fonte: Yahoo.com (25/10/2016) internacional com um grupo de TV. O noticiário trará vídeos com conteúdo Justin Bieber vai se apresentar no exclusivo, e legendado, de assuntos Brasil em 2017. O astro canadense diversos como cobertura das eleições fará duas apresentações com a turnê americanas, passando pela fome na “Purpose World Tour”, na Praça da Apoteose, no dia 29 de março, no Rio de Janeiro e em São Paulo, no Allianz Parque, no dia 1º de abril. Os ingressos para as apresentações de Justin Bieber no Brasil começarão a ser vendidos a partir da 0h01 do dia 31 de outubro de 2016 pelo site Tickets for Fun. No mesmo dia, às 10h, começa a venda nas bilheterias, sem taxa de conveniência, no Metropolitan do Rio e Citibank Hall de São Paulo. Os preços do show no Rio variam entre R$190 a R$750. Em São Paulo, os valores dos ingressos vão de R$ 125 a R$ 750.sta será a terceira passagem de Justin Bieber pelo Brasil. O astro canadense já veio ao país em 2011 e em 2013. Nos shows da atual turnê o cantor tem incluído hist como “What Do You Mean?”, “Sorry” e “Love Yourself”.

Turnê brasileira do Guns N’ Roses começa nesta terça em Porto Alegre Lilian Britto Fonte:Agência do Estado Uai.com.br (08/11/2016) Vinte e três anos depois da separação, Axl Rose, Slash e Duff McKagan voltam a se reunir. No Brasil, serão seis apresentações. Por aqui, a banda se apresenta em Porto Alegre (Estádio Beira-Rio), nesta terça-feira, 8, e em seguida toca em duas noites seguidas em São Paulo, dias 11 e 12, no Allianz Parque. A passagem pelo País ainda contará com shows no Rio de Janeiro (no Engenhão, dia 15), Curitiba (Pedreira Paulo Leminski, dia 17) e em Brasília (Estádio Nacional, dia 20). “A not in this lifetime” tour passou pelos Estados Unidos e agora chega, nesta terça-feira, 8, ao Brasil.

Venezuela ou a onda de microapartamentos entende que no Band News não é novaiorquinos.“O grupo Band necessário dublar e, mais do que isso, é uma questão de preservar a originalidade do material, os sons que vêm, que são preciosos nessas reportagens. Eu aplaudo muito essa decisão porque acho que falta coisa legendada, e não dublada, no Brasil hoje”, observa a jornalista. “E quando você faz uma narração em cima do material original, acaba apagando dados importantes e isso é uma violência dependendo do conteúdo”, completa. Como Ana Paula já era fã dos vídeos do jornal, ela nem pensou duas vezes quando o diretor artístico Band, Diego Guebel, disse que tinha uma proposta para fa-

zer e que tinha a ver com o conteúdo do ‘The New York Times’. “Eu disse: ‘Tá, bom! Eu topo. Não sei o que é, mas eu quero’. Realmente, já acompanhava e admirava muito o trabalho que eles fazem em vídeo, é espetacular. O ‘The New York Times’ é uma referência importante na minha formação profissional. Por isso, me sinto muito feliz de apresentar um programa semanal com conteúdo produzido por eles. As matérias são excelentes, curiosas, seguindo o mesmo alto padrão de qualidade de informação que guia tudo que o jornal publica. É uma honra estar à frente da primeira parceria do ‘The New York Times’ com a TV no Brasil ”, derrete-se. METROPOLES.COM

Banda de metal Optical Faze lança crowdfunding para gravar novo disco Banda Optical Faze abriu crowdfunding para bancar o disco “Unconquered Self”. Financiamento termina em 30 de dezembro Lilian Britto Fonte: Felipe Moraes Metropoles.com (08/11/2016) A Optical Faze, experiente banda brasiliense de metal, abriu crowdfunding (financiamento coletivo) para bancar seu terceiro disco de estúdio. O quinteto busca atingir a meta de R$ 30 mil para conseguir gravar o álbum “Unconquered Self”. Mediada pelo Kickante, a campanha termina em 30 de dezembro. E a proposta do grupo é radical: tudo ou nada.

Mais novo da formação, com 30 anos, Jorge Rabelo entrou no grupo no início da adolescência, aos 13. Ele vê no financiamento mais um testemunho do caráter independente do quinteto, criado em 2000. “Nós somos underground. Nunca ganhamos dinheiro com a banda, pelo contrário. Só gastamos”, brinca. Caso a meta não seja atingida, os músicos devolvem a quantia arrecadada. Para ampliar os horizontes, a Optical Faze se associou a uma boa causa. Todo o valor excedente do crowdfun-

ding será doado ao Abrigo Flora & Fauna. Localizada no Gama, a instituição acolhe mais de 500 cães e gatos abandonados ou em situação de risco. “Acho legal porque junta duas coisas: apoiar uma banda independente e um projeto que sempre precisa de ajuda”. A Optical Faze viveu períodos distintos: nasceu durante a crise da indústria fonográfica, passou pela era mp3 e atualmente vê o fenômeno das redes sociais. “Hoje é tudo diferente. Parece que você tem mais alcance. Mas isso nem sempre se reflete nos shows”.


Cultura

14- Jornal Informe

FACHA - Semestre 2016/2

Através da criação de conteúdos para redes sociais, produtor explica como resistiu à crise da distribuição do cinema

Entenda o sistema de distribuição de conteúdos no Brasil e saiba como ter sucesso em meio a crise do cinema nacional Caio Mota amgcaio@hotmail.com Mesmo sendo a última etapa do processo pelo qual qualquer projeto cinematográfico passa, a distribuição é fundamental para o sucesso do mesmo. É graças a ela que o mesmo pode ser consumido de diferentes formas e conhecido em diferentes contextos. Apesar disso, a maioria das pessoas não sabe como funciona esse processo. ����������������������������� Segundo Fabio Cormack, produtor e fundador da Cormack Visuals, produtora que tem investido em gerar conteúdo para a web, o pensamento de que basta ter uma ideia na cabeça e uma câmera na mão é a causadora dessa alienação. Segundo ele, essa teoria fez com que muitos cineastas não procurassem se aperfeiçoar. “se usou

a desculpa da poesia para não buscar uma técnica mais aprofundada”, resume. Apesar das dificuldades, o produtor diz que a forma de consumir mídia e cinema tem mudado e o mercado pode ser promissor para aqueles que se adaptam às constantes transformações. Isso é o que a Cormack tem feito nos últimos anos ao investir na web como estratégia para sobreviver no cenário atual. Recentemente, foi lançado no canal da produtora no youtube, o curta metragem “Mutação Z”. Com mais de mil visualizações, a utilização das redes sociais tem sido uma estratégia para gerar visibilidade para seu trabalho e viabilizar projetos futuros. Pelo histórico de oscilação no que diz respeito aos incentivos estatais e privados, o cinema brasileiro precisa, como nunca, focar nas

Morre a atriz e produtora Cecília Maciel Magnani, viúva de Umberto Magnani

Temer diz que ampliou orçamento da Cultura Rio de Janeiro recebe festival internacional de ‘em um momento de arrocho’ cinema em Novembro

Ela era esposa de ator de ‘Velho Chico’, que morreu em abril. Atriz de teatro e produtora teatral, Cecília deixa três filhos.

questão nova. As redes sociais e novas tecnologias tem alimentado esse debate, porém ele é quase tão antigo quanto o próprio cinema brasileiro. Com a chegada das distribuidoras internacionais, por volta de 1915, a iniciativa privada foi obrigada a se adaptar e criar estratégias para não ser “engolida”. A solução foi uma reorganização completa, que vem sendo feita desde 1992, quando foi criada a Secretaria para o Desenvolvimento do Audiovisual. A cada dia, novos desafios e novas questões surgem. Com a incerteza do amanhã, apenas uma certeza permanece: a distribuição nunca foi tão livre e, ao mesmo Fabio Cormack, fundador da Cormack tempo, tão limitada. No meio desse formas de viabilizar seus projetos. A caos, cabe ao produtor se adaptar da questão da distribuição, ao contrário melhor maneira possível. do que muitos pensam, não é uma CORMACKVISUALS.COM

Presidente deu Ordem do Mérito Cultural para 30 pessoas e 6 instituições. Evento para convidados no Palácio do Planalto custou mais R$ 600 mil.

PLANALTO.GOV.BR

Caio Mota Fonte: g1.globo.com 08/11/16 A produtora e atriz Cecilia Maciel Magnani, de 67 anos, morreu na manhã desta terça-feira (8), em São Paulo, vítima de infecção generalizada em decorrência de uma pneumonia, segundo informações da família. Cecília era mulher do ator Umberto Magnani, que morreu em abril deste ano durante as gravações da novela “Velho Chico”. Segundo a Funarte SP, o velório será na noite desta terça no Cemitário do Araçá, e a cerimônia de cremação será nesta quarta-feira (9), às 10h, no Crematório da Vila Alpina. Cecília formou-se como atriz na Escola de Arte Dramática, (EAD) de Alfredo Mesquita onde conheceu o ator Umberto Magnani com quem foi casada por 50 anos. Como atriz usava o nome de Cecília Maciel. Ela trabalhou na TV Excelsior em diversas novelas dentre elas “Os Diabólicos”, “Dez Vidas” e a última fase de “Redenção” como Hortência, par romântico de Francisco Cuoco, novela de Raimundo Lopes e direção de Dionísio Azevedo, Waldemar de Moraes e Reynaldo Boury. A convite de Dioniso Azevedo, atuou em vários teleteatros na TV Cultura dentre eles “O Feijão e o Sonho” e “Electra”. Na Rede Globo fez a “Grande Mentira” e “Auto da Vida de Vitória de Padre Anchieta”.

Até o dia 16 de novembro, o Rio de Janeiro e Niterói terão a exibição de 54 filmes nacionais e internacionais em 33 sessões de cinema.

Caio Mota Fonte: brasil.gov.br 7/11/16

Michel Temer, atual Presidente da República

Caio Mota Fonte: g1.globo.com 7/11/16 O presidente da República, Michel Temer, afirmou, nesta segunda-feira (7), em cerimônia de entrega da Ordem do Mérito Cultural, que o orçamento da Cultura foi ampliado “em um momento de arrocho”. As medalhas foram entregues por Temer, a primeira-dama Marcela Temer e o ministro da Cultura, Marcelo Calero em palco montado no salão nobre do Palácio do Planalto. Ao todo, 30 pessoas e seis instituições foram agraciadas com a principal condecoração da área cultural, como o Museu do Samba, sambistas, artistas, cineastas e designers. O evento, com shows de

diversos artistas, custou mais de R$ 600 mil. “Aumentamos em mais de 40% o orçamento destinado ao Ministério da Cultura para 2017. (...) E isso justamente em um momento de arrocho, em um momento de aperto. A cultura foi priorizada neste momento”, disse ao elogiar as apresentações musicais e o ministro Marcelo Calero. “Gostaria de anunciar que iremos renovar por mais cinco anos, até 2022, os benefícios da Lei do Audiovisual”, afirmou.O evento teve como tema o centenário do samba, com foco na importância do estilo musical para a construção da identidade nacional, e contou com apresentações do Neguinho da Beija Flor, Márcio Gomes, Áurea Martins e André Lara.

A partir desta segunda-feira (7), o Rio de Janeiro recebe o 2º Arquivo em Cartaz – Festival Internacional de Cinema de Arquivo. A abertura oficial acontece às 19h30, no conjunto arquitetônico do Arquivo Nacional, que receberá a instalação de um cinema ao ar livre com plateia de 400 lugares. O Arquivo em Cartaz será realizado até 16 de novembro, no Rio de Janeiro e em Niterói. Serão exibidos 54 filmes nacionais e internacionais (longas, médias e curtas) em 33 sessões de cinema, divididas em oito mostras temáticas. O objetivo principal do festival é divul������ gar e incentivar a realização de filmes com imagens de arquivo e promover o debate para refletir sobre as questões e diretrizes para a preservação de acervos audiovisuais. Alem disso, o������ Festival promoverá debates, oficinas e workshop com convidados internacionais como Laura Tusi, da Argentina. Para isso, serão ocupados três espaços principais: Arquivo Nacional e Espaço Cultural BNDES, na cidade do Rio de Janeiro; e Cine Arte UFF, em Niterói. Toda programação é oferecida gratuitamente ao público. A programação completa do festival pode ser acompanhada pelo site arquivoemcartaz.com.br


Turismo

FACHA - Semestre 2016/2

Jornalistas estrangeiros aprovam turismo no Brasil, aponta pesquisa Ministério do Turismo fez pesquisa com imprensa durante a Olimpíada. Maioria disse recomendar o país para amigos, família e público em geral. Bondinho, Pão de Açúcar

Camila Luz fonte: G1.com, 29/09/2016 Os jornalistas estrangeiros que participaram da cobertura da Olimpíada no Rio de Janeiro, deixaram o país satisfeitos com o que viram e publicaram sobre o país e

o evento esportivo. Pesquisa que o Ministério do Turismo divulga nesta quinta-feira (29) aponta que 89,6% dos entrevistados recomendariam o Brasil para a próxima viagem de amigos, família ou público em geral. Ainda segundo o levantamento,

69,7% dos profissionais estavam visitando o país pela primeira vez. O levantamento mostra que mais de 70% dos entrevistados não publicou nenhuma reportagem sobre o Brasil que não fosse sobre esporte no último ano. Cerca de 40% deles pretende fazer alguma reportagem sobre o país no futuro que não seja sobre esporte, revelam dados da pesquisa. O turismo e a cultura brasileira estão entre os principais temas de reportagens já publicadas sobre o Brasil. No entanto, para 56% dos entrevistados, a política e a violência foram os aspectos negativos mais abordados. Eles também afirmaram que esses mesmos temas serão os mais abordados em reportagens futuras sobre o país.

Visual cria pacote para viajantes “se sentirem em casa”

A Visual Turismo criou um segmento de vendas exclusivo para os viajantes em família e grupos que querem unir o conforto e a privacidade, com a facilidade dos hotéis.

Camila Luz Panrotas, 22/11/2016 Para reunir hospedagens que seguem essa concepção, a operadora desenvolveu a ideia por cerca de dois anos. “Fizemos pesquisas de estabelecimentos confiáveis e de alta qualidade que oferecem essa alternativa nas férias. Famílias e grupos de amigos que desejam passar o período de descanso juntos têm ao seu dispor casas com no mínimo três suítes”, explica o diretor da Visual, Afonso Louro. Entre os empreendimentos que integram a novidade estão a Vila La Torre e Toko

Toko Hotel, Porto Seguro

Village, em Porto Seguro, o Tivoli Pool Villas, na Praia do Forte, Campo Bahia, em Santa Cruz Cabrália, todos na Bahia. O Hotel Village Porto de Galinhas, em Pernambuco,

e a Pousada Spa da Alma, em Pipa, no Rio Grande do Norte. A operadora acredita que as férias de final de ano devem impulsionar as vendas iniciais do segmento.

Argentina espera receber 9 milhões de turistas até 2019

O novo governo argentino tem adotado medidas para aumentar o número de visitantes internacionais

Camila Luz fonte: Diário, 08/11/2016

“Esperamos levar 9 milhões de turistas do mundo todo [para a Argentina] até 2019”, pontuou Natalia Pisoni, do Instituto Nacional de Promoção Turística (Improtur) da Argentina. Segundo ela, o novo governo, representado por Mauricio Macri, tem tra-

balhado e feio mudanças para incentivar o turismo “tanto interno, como a promoção internacional”, explicou. A partir da meta estabelecida, os órgãos de promoção turística do país vizinho têm implementado medidas que visam, de diversas formas, incrementar o número de turistas. Pisoni, que atua no setor

turístico há mais de dez anos, reitera a importância do mercado brasileiro para o turismo argentino, mesmo em situação de dificuldades econômicas e políticas e lembra que, além do turismo, o Brasil é o principal parceiro econômico da Argentina. “O Brasil tem uma diversidade incrível de pessoas. A Argentina tem muito a oferecer”, disse.

Jornal Informe - 15

Tourico: reservas de hotéis na América Latina aumentam 45% Camila Luz fonte: Panrotas, 18/11/2016 Uma pesquisa da Tourico Holidays revelou um crescimento de 45% nas reservas de diárias em hotéis na América Latina, em comparação com o mesmo período em 2015. Além disso, a empresa registrou um aumento de receita de 70% em relação com o ano passado, exatamente por conta desse aumento. O crescimento se deu pelo aumento da procura do destino pelo principais mercados turísticos do mundo. Estados Unidos e Canadá registraram as um aumento de reservas de 47% e 207% respectivamente em 2016. Os pedidos de hotel partin-

do da Ásia para a América Latina cresceram 220%. Já as reservas saindo da Oceania cresceram 141% e da Europa aumentaram 37%. Além disso, só no mercado chinês, o aumento foi de 400%. De acordo com a vicepresidente de produtos para a América Latina da Tourico Holidays, Gisela Blok, diversos fatores influenciaram o crescimento das reservas. “A economia de diversos países, como é o caso do Brasil começa a mostrar sinais de recuperação. E com isso, Europa e Estados Unidos continuam disponibilizando cada vez mais voos com preços atrativos e trazendo cada vez mais viajantes”.

Aerolíneas aumenta oferta no Brasil na alta temporada Camila Luz fonte: Panrotas, 18/11/2016 A Aerolíneas Argentinas anunciou uma expansão das operações que visa aumentar em 10% a capacidade de assentos ofertada durante a temporada de verão. Algumas delas envolvem destinos brasileiros. A partir de janeiro, a aérea argentina terá duas frequências semanais ligando Rio de Janeiro e Florianópolis a Córdoba. A capital catarinense, bastante visada pelos argenti-

nos, também terá uma nova frequência a ligando com Rosário. Paralelamente, a empresa irá promover uma renovação da frota, substituindo os B737-700 por B737800. Isso significa maior conforto aos passageiros.

Número de cidades com potencial turístico diminui no Brasil Mapa do Turismo Brasileiro será lançado nesta terça-feira (12). Camila Luz fonte: G1.com, 12/07/2016 São 2.175 municípios, ante os 3.345 da última edição, em 2013. O número de cidades com potencial turístico diminuiu entre as edições de 2013 e de 2016 do Mapa do Turismo Brasileiro, segundo dados do Ministério do Turismo. Em 2013, foram mapeados 3.345 municípios em 303 regiões turísticas em todo o país. Já na versão atual, são 2.175 municípios em 291 regiões turísticas.

A versão 2016 do mapa foi lançada nesta terça-feira (12). Ela identifica as cidades de interesse turístico e aquelas que, de alguma forma, se impactam pelo turismo – como, por exemplo, aquelas que não recebem turistas, mas enviam mão-de-obra ou insumos para cidades vizinhas que são efetivamente turísticas. De acordo com o Ministério do Turismo, dos 26 estados do país, 24 tiveram o número de municípios reduzido entre as versões de 2013 e 2016. Apenas Pará e Santa Catarina registraram um aumento.


16- Jornal Informe

Saúde

FACHA - Semestre 2016/2

Cientistas da USP criam 18 novas linhagens brasileiras de células-tronco

Genomas refletem a miscigenação no país e podem ajudar em pesquisas sobre doenças Manoella Delunardo/Mylena Varanda Fonte: oglobo.com (22/102016) Cientistas do Centro de Terapia Celular da Universidade de São Paulo (CTC/USP) acabam de criar 18 novas linhagens de células-tronco cujos genomas melhor refletem a miscigenação brasileira, numa prova de conceito de um projeto que deverá dar um gigantesco impulso para as pesquisas sobre mecanismos de doenças e os efeitos de medicamentos na população do país. As novas linhagens são de um tipo conhecido como de pluripotência induzida (iPS, na sigla em inglês), em que, por meio de técnicas sofisticadas, células já “adultas” são forçadas a regredirem ao estágio de embrionárias. E, assim como as células-tronco embrionárias, as iPS são capazes de se transformarem nas células que constituem praticamente todos os tecidos do corpo. Por isso, elas e as culturas de células diferenciadas delas derivadas, como as que formam o músculo do coração ou que produzem insulina no pâncreas, são cada vez mais usadas por cientistas para investigar os mecanismos biomoleculares dos mais variados tipos de males, assim como

pela indústria farmacêutica no desenvolvimento de moléculas promissoras que poderão se tornar futuros remédios, por vezes substituindo até os testes com animais. — Até agora, os pesquisadores brasileiros só tinham como opção nacional para estes estudos cinco linhagens de células-tronco, todas com uma ancestralidade predominantemente europeia — destaca Lygia Veiga Pereira, professora titular e chefe do Laboratório Nacional de Células-Tronco Embrionárias (LaNCE) da USP, responsável pela criação tanto destas linhagens antigas quanto as novas, relatada em artigo publicado recentemente no periódico científico “Scientific Reports”, editado pelo prestigiado grupo “Nature”. — Como estas linhagens foram derivadas de embriões que seriam descartados por clínicas de fertilização, que por vários motivos socioeconômicos que conhecemos não atendem toda a Greenpeace identifica até diversidade da população brasileira, elas acabaram por também não refle- amostra de fornecedor tir a alta miscigenação característica Manoella Delunardo/Mylena Varanda de nossa população. Fonte: oglobo.com (17/0/2016)

WWW.UVV.BR

Análise encontra presença irregular de agrotóxico em merenda escolar do Rio mesmo pesticida ilegal em

O cardápio nas escolas municipais do um pesticida proibido no Brasil, o meRio tem arroz, feijão, couve e outros tamidofós, que, de acordo com o Greprodutos nutritivos. Mas, segundo uma enpeace, foi verificado em 10% das análise do Greenpeace Brasil, pode ter amostras. Dentre as amostras, 35% procimidona, metamidofós apresentaram agrotóxicos não permimilhões de pessoas foram também e mais “ingredientes” de nomes es- tidos para aquela cultura específica. tranhos. Em uma pesquisa inédita, a Em 20%, havia pesticidas acima do organização adquiriu 20 amostras de limite permitido. E, finalmente, 35% alimentos, ou 40kg de comida, de um das amostras continham resíduos de fornecedor da rede de ensino carioca. duas ou mais substâncias diferentes — sendo diagnosticadas e tratadas”, dis- Na avaliação dos produtos, foram en- o que, segundo especialistas, acende o se um informe da ONG Médicos Sem contrados agrotóxicos em 60% das 20 alerta para um “efeito coquetel” cujos amostras. E 45% apresentaram algu- malefícios para a saúde ainda preciFronteiras. Segundo o relatório da OMS, a dimen- ma irregularidade, como a presença de sam ser estudados. são da epidemia cresceu em grande parte porque os pesquisadores se deram conta de que as estimativas relativas à Índia de 2000 até 2015 foram muito baixas. Seis países representam cerca de 60% dos novos casos: Índia, Hábito de fumar é o principal motivo para a doença, Indonésia, China, Nigéria, Paquistão e mostra pesquisa África do Sul. A tuberculose é causada por uma bac- Manoella Delunardo/Mylena Varanda téria, o bacilo de Koch, que na maioria Fonte: oglobo.com (25/10/2016) dos casos se aloja nos pulmões e vão destruindo o órgão aos poucos. Duas O cigarro é o maior motivo de morte Os autores da pesquisa ainda alertam em cada cinco pessoas infectadas não por câncer nos EUA. De acordo com que os dados para óbitos relacionados são diagnosticadas e podem transmitir um estudo da Sociedade Americana de ao fumo são subestimados, não apenas a doença, que é propagada pelo ar. O Câncer, publicado no periódico cien- pela subnotificação das informações relatório da OMS também adverte que tífico “JAMA Internal Medicine”, o utilizadas: incluem apenas adultos meio milhão de pessoas foram conta- hábito de fumar pode ser culpado por com mais de 35 anos; consideram apeminadas com formas de tuberculose 27,6% dos 167.133 óbitos causados nas 12 tipos de câncer; e, finalmente, pela doença ao longo de 2014. não englobam o fumo passivo. resistentes aos antibióticos.

Epidemia de tuberculose é mais grave do que se pensava, diz OMS Relatório mostra que 10,4 infectadas em 2015 Manoella Deluanrdo/Mylena Varanda Fonte: oglobo.com (13/10/2016) A epidemia de tuberculose é mais grave do que se pensava até agora e afetou, no ano passado, 10,4 milhões de pessoas, enquanto a pesquisa para descoberta de uma vacina ou tratamento para a doença sofre com “falta de verba suficiente”, divulgou um relatório da Organização Mundial de Saúde publicado nesta quinta-feira. O número ultrapassa em muito o dado do relatório anterior feito pela Organização das Nações Unidas (ONU), que era de 9,6 milhões de pessoas infectadas em todo o mundo. Cerca de 1,8 milhões de pessoas morreram de tuberculose em 2015, trezentas mil a mais do que no ano anterior, de acordo com o relatório anual da OMS. “O Relatório Mundial de Tuberculose da OMS é uma chamada de atenção para mudar o status quo da forma como a tuberculose, e as suas formas resistentes aos medicamentos, estão

Cigarro causa três em cada dez mortes por câncer nos EUA


Jornal Informe - 17

FACHA - Semestre 2016/2

Biomédicos proibidos de realizar botóx Decisão restringe atuação de profissionais empregados por clínicas estéticas

Foto: ReporterPB.com.br

Manoella Delunardo/Mylena Varanda Fonte: oglobo.com(11/10/2016) Uma determinação da Justiça do DF proíbe os biomédicos do país de realizar procedimentos comuns em clínicas de estética como botox, preenchimentos e peelings profundos. A decisão dá aval a uma ação movida pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) para anular integralmente três resoluções do Conselho Federal de Biomedicina com intuito de limitar a atuação de biomédicos em técnicas consideradas, por eles, como invasivas. A presidente da Associação Brasileira de Biomedicina Estética, Ana Carolina Puga, criticou a decisão da juíza Cecília de Marco, da 3ª Vara Federal. De acordo com Ana Carolina, a medida põe em risco a classe dos biomédicos e “contribui para a concentração de mercado entre médicos.” “Enquanto isso qualquer maledicência é passiva de ação judicial, e já estamos trabalhando para entrar com outra liminar a fim anular tal decisão. Estamos lutando para defender os nossos legítimos direitos”, diz o comunicado. De acordo com o presidente da Sociedade de Dermatologia, Gabriel

Gontijo, o que motivou o processo foi o aumento dos casos de pacientes com complicações graves após se submeterem a procedimentos estéticos com “profissionais inadequados”. Responsável por pleitear a legalização da Biomedicina Estética no Brasil, Ana Carolina convocou interessados para uma Plenária Extraordinária em prol da Biomedicina Estética. — Nós sempre trabalhamos com procedimentos estéticos que são pertinentes ao biomédico esteta. Este profissional, além do programa regular, faz de um a dois anos de especialização somente nessa área estética. Temos conhecimentos de farmacologia, de microbiologia, de anatomia, de bioquímica e diversas outras áreas na saúde. Mas nunca trabalhamos com doenças médicas — diz Ana Carolina. Para o secretário do CFM Hermann Tiesenhausen, com base na Lei do Ato Médico, não há competência legal para a realização de tais procedimentos, pois “aquele que pratica deve ter a competência de tratar as possíveis complicações. O secretário avalia que a setença pode trazer desdobramentos também para esteticistas, que não têm formação acadêmica correlata.

Holanda quer eutanasia para quem ‘completou a vida’ Somente em 2015, mais de 5 mil pessoas tiveram morte assistida Manoella Delunardo/Mylena Varanda Fonte: oglobo.com (13/10/2016) O governo holandês pretende aprovar uma lei para estender o direito de eutanásia a todos aqueles que sentem que “completaram a vida” mas que não necessariamente são portadores de doença terminal. O país autoriza a eutanásia, mas somente para pessoas doentes com “sofrimento insuportável” e sem esperança de obterem a cura. Os ministros da Justiça e da Saúde disseram que os detalhes ainda precisam ser elaborados, mas afirmaram que uma pessoa que “tem uma opinião bastante formada de que sua vida está completa deve, sob critérios rígidos e cuidadosos, ter o direito de terminar a

vida da maneira mais digna para ela”. Apesar da lei da eutanasia dividir opiniões, ainda tem grande apoio da sociedade holandesa, e o número de casos vem aumentando expressivamente ano após ano. Apenas em 2015, 5.516 pessoas morreram por eutanasia na Holanda, o que representa 3,9% de todas as mortes daquele ano no país. A eutanásia tem grande apoio da sociedade holandesa, e o número de casos vem aumentando expressivamente ano após ano. A ministra da Saúde, Edith Schippers, disse na carta que, uma vez que o desejo de acabar com a própria vida ocorre majoritariamente entre os idosos, o novo sistema estaria limitado a eles.

Clínica oferece exames gratuitos para campanha ‘Outubro Rosa’, no Rio Entre os dias 17 e 21 de outubro serão oferecidos os serviços

Manoella Delunardo/Mylena Varanda Fonte: G1.com (07/10/2016) Durante o mês da campanha Outubro Rosa, as mulheres que passarem pelo terminal Alvorada do BRT poderão realizar consultas, exames e ainda receber orientações gratuitas sobre o câncer de mama e outras dicas de saúde. Os serviços serão oferecidos pela clínica popular Dr. Aqui entre os dias 17 e 21 de outubro, de segunda à sexta-feira, das 8h às 18h. A ação será realizada em uma tenda localizada no subsolo da estação, onde

será oferecido ultrassom de mamas, preventivo, medição de glicemia capilar e aferição de pressão, com intenção de prevenir o câncer de mama. De acordo com a ginecologista Giselle Felipe, responsável pela ação e diretora médica da clínica, inaugurada há três meses, a Dr. Aqui tem como objetivo tornar tais exames acessíveis para famílias de classe média. A empresa oferece consultas nas áreas de Ginecologia, Obstetrícia, Cardiologia, Endocrinologia, Gastroenterologia, Clínica Médica, Dermatologia, Ortopedia, Geriatria e Otorrinolaringologia, entre outras. O valores oferecido nas consultas é de até R$60 enquanto os exames variam entre R$6 e R$80 para todo o público que se consultar no local.

Duas doses de bebida açucarada por dia dobram risco de diabetes Estudo diz que 400ml diários de refrigerante, diet ou não, contribuem para doença Manoella Delunardo/Mylena Varanda Fonte: oglobo.com (21/10/2016) Segundo estudo feito pelo Instituto Karolinska, com 2800 adultos, apenas duas doses de 200ml de bebidas como refrigerantes e sucos artificiais apresentaram 2,4 vezes mais chance de sofrer com a temida diabete do tipo 2. Como muitas desses bebidas são vendidas em latas de 330ml, um pouco mais de uma lata por dia pode ser o suficiente para uma pessoa ver dobrarem as suas probabilidades de apresentar a doença em algum momento na vida. Ainda segundo o instituto, indivíduos que bebem cerca de 1 litro de refri-

gerante por dia podem ver o risco de diabete aumentar em dez vezes. O estudo utilizou relatos dos participantes, confiando em suas memórias sobre hábitos alimentares no passado. De acordo com os cientistas, esses produtos açucarados podem ter induzido a resistência à insulina nos participantes, acionando casos de diabetes. Já os adoçantes artificiais nas bebidas dietéticas podem estimular e distorcer o apetite, aumentando a ingestão de alimentos e a vontade de comer doces. Além disso, estudos anteriores mostram que adoçantes podem afetar a flora intestinal, com chances de causar intolerância a glicose.

Foto de Fred Bailoni


18- Jornal Informe

Esporte

FACHA - Semestre 2016/2

Campanha do Flamengo empolga e torcida só fala em “cheiro de hepta” Torcedores se animam com a campanha do time carioca e sentem o “cheirinho de hepta” cada vez mais forte CRÉDITOS: GILVAN DE SOUZA/FLAMENGO

Talita Teixeira teixeira.talita@hotmail.com

reforçar o time. Segundo a torcida rubro-negra, foi aí que o “cheirinho de

O Flamengo não começou o ano bem. hepta”começou. Com Muricy como técnico e um elenco O técnico conseguiu ajeitar o time e aparentemente bom, nada parecia dar deu um voto de confiança para joga-

certo. Foi eliminado do Campeonato dores muito contestados pelos torceCarioca, Primeira Liga e da Copa do dores. Pará, Gabriel e Fernandinho Brasil. Em meio a esses problemas e eram vaiados em todos os jogos, até a forte pressão na Gávea, Muricy teve que, eles corresponderam. Ao ser que deixar o cargo por questões de questionado sobre a melhora no rendisaúde fazendo com que Zé Ricardo

assumisse e logo depois sendo efetivado. Réver, Rafael Vaz, Donatti, LeEquipe do Flamengo conversa no gramado antes da partida.

Aos 72, morre Carlos Alberto Torres, o maior dos capitães do futebol brasileiro

andro Damião e Diego chegaram para

mento do grupo, inclusive os mais criticados, Réver acredita que isso aconteceu devido a chegada de reforços.

A era Tite

Após assumir a seleção, treinador ganha seis, em seis jogos. )

(CRÉDITOS: RAFAEL RIBEIRO/CBF

Márcio Mará A braçadeira de capitão sempre lhe caiu bem. Porte esguio, olhar penetrante, personalidade marcante. Não tinha jogador que não ouvisse com atenção suas observações, seus conselhos ou, na pior das hipóteses, suas broncas. Nem Pelé escapava, e foram muitas as vezes em que precisou até baixar a cabeça. Mas não era só isso. Habilidoso, clássico, desarmava com estilo, saía jogando com elegância. E foi essa lenda, esse grande capitão, que o futebol brasileiro e o mundo perderam nesta terça-feira, aos 72 anos. Morreu na manhã desta terçafeira, no Rio de Janeiro, vítima de enfarte fulminante, Carlos Alberto Torres, atualmente comentarista do SporTV. Nome e sobrenome de craque. O homem do tricampeonato mundial em 1970, que beijou e levantou a Taça Jules Rimet. Tite na coletiva de imprensa após a vitória sobre o Peru.

Emily Lima é a nova técnica da Seleção Feminina Assessoria CBF

Emily Lima é a nova treinadora da Seleção Brasileira Feminina. Recentemente, ela foi vice-campeã da Copa do Brasil de Futebol Feminino treinando o São José-SP. Ex-jogadora, Emily atuou em times do Brasil e da Europa, e agora será a primeira mulher a comandar a Seleção Feminina. O primeiro compromisso dela no comando da equipe nacional será o Torneio Internacional de Manaus, em dezembro desse ano.A Diretoria da CBF agradece ao treinador Oswaldo Alvarez e a sua comissão técnica pelo trabalho e dedicação nestes dois anos e meio em prol do futebol feminino. Ao longo desse período, o treinador foi bicampeão do Torneio Internacional (2014 e 2015), conquistou a medalha de ouro pan-americana em Toronto 2015 e ficou entre as quatro melhores seleções dos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Humberto Luiz Peron Mais uma vitória da seleção comandada por Tite, agora com um 2 a 0 sobre a seleção peruana. No jogo, o Brasil soube controlar a pressão do adversário no início dos dois tempos para conseguir o triunfo fora de casa, fazendo seus gols na etapa final. Como esperado, a seleção peruana, precisando da vitória e empolgada com a goleada sobre o Paraguai, começou pressionando o Brasil. Usando a velocidade e com Cueva conseguindo fugir da marcação brasileira, os peruanos criaram sua melhor chance na etapa inicial, com Carrillo acertando a trave brasileira. Mesmo sem conseguir trocar passes seguidos, o Brasil, em um contra-ataque puxado por Neymar, criou uma grande chance, com uma boa finalização de Paulinho, que apareceu dentro da área peruana. A partir dessa jogada, a seleção brasileira começou a dominar a partida. O time acertou a marcação, começou a ter a posse de bola e ficava no campo de ataque. Com boas jogadas pela direita, com a movimentação de Phillippe Coutinho se deslocando para o meio e Renato Augusto caindo pelo lado direito. Foi com o camisa 8 caindo pelo setor que a seleção criou boa oportunidade.


Esporte

FACHA - Semestre 2016/2

Arsenal é campeão da FA Cup de 2015 e se confirma como maior vencedor da histórica copa inglesa Vítória por 4 a 0 traz o décimo segundo troféu da Fa Cup para o time do norte de Londres Stuart MacFarlane

crédito: Stuart McFarlane @Stuart_PhotoAFC

Sávio Rezende savio-lockie@hotmail.com O Arsenal seguiu o roteiro e confirmou as previsões ao conquistar neste sábado mais uma Copa da Inglaterra, no estádio de Wembley, em Londres. Com a presença do príncipe William, torcedor confesso do Aston Villa, a equipe de Arsène Wenger goleou o time de Birmingham por 4 a 0, com gols de Walcott, Alexis Sánchez, Mertesacker e Giroud, garantindo assim a sua 12ª Copa, superando o Manchester United e se isolando como o maior vencedor da competição na história. Com mais volume de jogo, o Arsenal, que era o campeão da última edição da Copa, impôs seu ritmo e manteve

o controle das ações desde o início do duelo. Mas o gol só saiu aos 40 minutos, em boa jogada do ataque do time de Wenger. Em lance pela esquerda da área, Wallcott bateu firme para abrir o marcador, após cabeçada de Alexis Sánchez, e trazer tranquilidade à equipe de Londres. Na volta do intervalo, a pressão do Arsenal continuou firme e, logo aos 5, Alexis Sánchez ampliou o marcador com um chute de longe para vencer o veterano goleiro Shay Given. O que se viu depois foi um massacre do Arsenal. O time londrino teve três grandes chances claras de gol logo em seguida, mas ainda teve um gol anulado e parou em grandes defesas do goleiro rival.

Jornal Informe - 19

Time de Londres saiu perdendo por 2 a 0, mas buscou a virada e encerrou um jejum de nove anos sem nenhum título relevante Com gol no último minuto, o Arsenal lenvanta outro troféu

Sávio Rezende Ig.com.br 17/05/2014

machucou, mas conseguiu seguir na partida.

A decisão em Wembley começou de maneira eletrizante. O Hull City precisou de três minutos para abrir o marcador. Quinn cobrou o escanteio fora da área, buscando Huddlestone, que chutou de primeira e acabou pegando mal. A bola sobrou para o zagueiro Chester completar para o fundo das redes do Arsenal.

Faltando poucos minutos para o fim do segundo tempo, o Arsenal teve uma grande oportunidade desperdiçada. Gibbs recebeu livre na área, de frente para McGregor, e bateu por cima do gol, para desespero dos Gunners presentes em Wembley.

Mesmo não demonstrando bom futebol, a resposta dos Gunners chegou aos 16 minutos, com o espanhol Santi Cazorla. O jogador cobrou falta perto da área e acertou o ângulo esquerdo do goleiro McGregor, que chegou a encostar na bola, mas não evitou o gol dos londrinos.

Buscando decidir a partida no segundo tempo da prorrogação, o técnico do Arsenal, Arsène Wenger, colocou Rosicky e Wilshere no lugar de Cazorla e Ozil respectivamente no início da parcial.

Aos 44 da segunda etapa, o Arsenal quase decidiu a partida. Sanogo receAzarão na partida, o Hull ampliou a beu bom passe de Giroud e rematou da vantagem aos oito minutos. Quinn entrada da área. A bola passou rente à lançou da esquerda, Bruce cabeceou e trave da baliza do Hull City. Fabianski afastou, mas no rebote Davies chegou e conferiu mais um gol Após a igualdade no tempo normal, para os Tigers. a partida entre Arsenal e Hull City se encaminhou à prorrogação. Os londriA equipe de Hull não parava. Aos 13, nos continuaram pressionando e quase Huddlestone cruzou na área, Bruce viraram o jogo aos três minutos, quantestou forte e Gibbs salvou quase den- do Giroud recebeu cruzamento de Ratro do gol, salvando o Arsenal de levar msey e mandou de cabeça no traveso terceiro tento. são de McGregor.

Pressionando o Hull, o Arsenal chegou ao gol aos três minutos. Giroud No segundo tempo, o Arsenal foi em invadiu a área e acertou um passe de busca do prejuízo da primeira etapa e calcanhar espetacular para Ramsey, pressionou o Hull City. Aos 19, Cazor- que bateu de primeira e fez o tento da la bateu escanteio na área e Koscielny virada e do título da FA Cup. subiu livre, cabeceando à direita do gol defendido por McGregor. O Hull City ainda assustou no finalzinho. O zagueiro do Arsenal, MertesaO gol de empate do Arsenal saiu aos cker, saiu mal e deixou a bola livre para Valor da transferência anunciado por jornais ingleses torna saída 25. Em cobrança de escanteio, Kos- Aluko. O nigeriano acabou ganhando do alemão a maior venda da história do Real, superando a de cielny ganhou dos defensores do Hull na corrida do goleiro Fabianski e baRobinho para o City e cabeceou forte para o fundo das re- teu sem ângulo da lateral esquerda, a milhões nos valores atuais) arrecada- des de McGregor. No lance, o zaguei- bola passou à frente da linha e saiu Sávio Rezende globoesporte.globo.com 02/09/2013 dos com a saída do brasileiro Robinho ro francês não comemorou porque se pela linha de fundo. ao Manchester City. Poucas horas depois do jogador do - Olho com orgulho paras os três anos Pais de Gales, Gareth Bale se apre- maravilhosos que vivi no Real Masentar ao Real Madrid como a prová- drid, onde evolui como atleta e como vel transferência mais cara da história humano. Ganhamos três títulos e jodo futebol, por € 100 milhões (cerca guei constantemente. Mas agora estou de 314 milhões), o clube espanhol ansioso pelo meu futuro na Premier vendeu o meia alemão Özil para o League com o Arsenal. Vou pagar de Meio campista pode ser a chave para novas conquistas do Arsenal, da Inglaterra. Nos últimos volta o carinho demonstrado pelo cluminutos para a janela de negociações be e pelos torcedores em cada jogo. club de Londres fechar nos dois países, o clube britâ- Agora quero ajudá-los a finalmente nico fez a confirmação oficial do que ganhar um título - disse o alemão à TV Sávio Rezende russia Mönchengladbach (time da “Sky Sports”. globoesporte.globo.com 05/05/2016 estava sendo anunciado desde o início Alemnha) e chega para renovar o setor De acordo com o jornal alemão “Bild”, do dia. de meio-campo do atual vice-campeão Segundo os jornais ingleses, o Arse- o meia de 24 anos assinou contrato por O time inglês Arsenal confirmou o britânico. nal pagou € 50 milhões (R$ 156 mi- cinco temporadas com o Arsenal. Özil que parecia questão de tempo e anun- O clube não deu detalhes do acordo e lhões) para ter o jogador, no que seria receberá 7 milhões de libras (aproxi- ciou oficialmente a contratação do su- apenas se limitou a dizer que trata-se a venda mais cara já feita pelo Real, madamente R$ 25 milhões) por ano, íço Granit Xhaka nesta quarta-feira. de “contrato de longo prazo para um O jogador de 23 anos defendia o Bo- salário não revelado”. superando os € 43 milhões (R$ 134 cerca de R$ 500 mil por semana.

Nos últimos minutos da janela, Arsenal confirma contratação de Özil

Arsenal oficializa a chegada de Xhaka


20- Jornal Informe

FACHA - Semestre 2016/2

Jornal informe c306c 20162  

Jornal InForme - C306C - Facha 2016_2 Trabalho Acadêmico produzido pelos alunos da disciplina Editoração Eletrônica I - C306C, prof.Gilvan N...