Page 1

TEMPO TEMPO

Máx: 27° / Mín: 19°

TERÇA-FEIRA

VARGINHA, 16 DE ABRIL DE 2019

EDIÇÃO 10.188

NAFs do Sul de Minas Gerais prestam serviços à população com diversos atendimentos gratuitos Os Núcleos de Apoio Contábil e Fiscal, foram capacitados pela RF para prestar auxílio à população em diversos atendimentos gratuitos Os Núcleos de Apoio Contábil e Fiscal (NAF), foram capacitados pela Receita Federal para prestar auxílio à população em diversos atendimentos gratuitos. Os Núcleos são uma parceria da Receita Federal com as Instituições de Ensino Superior (IES) que possuem curso de ciências contábeis presencial...

Polícia Militar de Varginha frustra golpe do seguro

local/ página 03

local/ página 04

Secretaria Municipal de Educação de Varginha aposta nas parcerias para melhoria da educação

Preço do café abaixo do custo de produção mobiliza entidades governamentais e cooperativas A trajetória de queda observada nos últimos quatro anos nos preços do café verde se agravou ainda mais no primeiro trimestre de 2019. A razão é a safra recorde de 2018, que registrou 62 milhões de sacas, representando aumento de 38% em relação à produção de 2017, que ficou em 45 milhões de sacas.

A Secretaria Municipal de Educação vem contando com inúmeras parcerias e esse trabalho conjunto entre comunidade, empresas privadas e públicas, ONGs e universidades vem colaborando com as instituições escolares em seus projetos e ações. local/ página 03

local/ página 05

Liga de Odontopediatria/Ortodontia da Unifenas em Varginha formaliza parceria com a Seduc No dia 05/04, na última sexta-feira, os alunos da Liga de Odontopediatria/Ortodontia da UNIFENAS, campus Varginha, juntamente com a coordenadora Viviane Mendonça de Paula, estiveram em

reunião com a Diretora do Departamento Geral de Ensino Elaine Cristina Biancasteli e com a coordenadora de Projetos Solange Conde para formalizar a parceria entre ambas as instituições.

Maior companhia aérea do país Azul, terá 41 voos extras em Minas Gerais durante a Semana Santa

regional/ página 14

PONTO DE VISTA

local/ página 04

Daniel 12

35 9 9974-4668 gazetacomercial2@gmail.com www.gazetadevarginha.com.br Gazeta de Varginha

DEUS É FIEL

O tempo do fim página 02


02 | GAZETA DE VARGINHA

Reflexão do dia O tempo do fim

E naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo, e haverá um tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo; mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro. E muitos dos que dormem no pó da terra ressuscitarão, uns para vida eterna, e outros para vergonha e desprezo eterno. Os que forem sábios, pois, resplandecerão como o fulgor do firmamento; e os que a muitos ensinam a justiça, como as estrelas sempre e eternamente. E tu, Daniel, encerra estas palavras e sela este livro, até ao fim do tempo; muitos correrão de uma parte para outra, e o conhecimento se multiplicará. Então eu, Daniel, olhei, e eis que estavam em pé outros dois, um deste lado, à beira do rio, e o outro do outro lado, à beira do rio. E ele disse ao homem vestido de linho, que estava sobre as águas do rio: Quando será o fim destas maravilhas?

E ouvi o homem vestido de linho, que estava sobre as águas do rio, o qual levantou ao céu a sua mão direita e a sua mão esquerda, e jurou por aquele que vive eternamente que isso seria para um tempo, tempos e metade do tempo, e quando tiverem acabado de espalhar o poder do povo santo, todas estas coisas serão cumpridas. Eu, pois, ouvi, mas não entendi; por isso eu disse: Senhor meu, qual será o fim destas coisas? E ele disse: Vai, Daniel, porque estas palavras estão fechadas e seladas até ao tempo do fim. Muitos serão purificados, e embranquecidos, e provados; mas os ímpios procederão impiamente, e nenhum dos ímpios entenderá, mas os sábios entenderão. E desde o tempo em que o sacrifício contínuo for tirado, e posta a abominação desoladora, haverá mil duzentos e noventa dias. Bem-aventurado o que espera e chega até mil trezentos e trinta e cinco dias. Tu, porém, vai até ao fim; porque descansarás, e te levantarás na tua herança, no fim dos dias. Daniel 12:1-13

16 DE ABRIL DE 2019

PONTO DE VISTA Cirurgia de redução do estômago "A obesidade está cada vez mais presente em nosso meio e a busca por tratamentos para combatê-la também. A cirurgia bariátrica, mais conhecida como cirurgia para redução do estômago, é uma opção de tratamento para a obesidade mórbida que não responde aos tratamentos convencionais, mas apesar dos benefícios apresenta indicações específicas e alguns riscos". A obesidade é uma doença crônica caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura corporal. É considerada um problema de saúde pública nos países desenvolvidos e está ocorrendo uma aceleração no seu crescimento no Brasil. A obesidade é classificada baseando-se no índice de massa corporal (IMC – calculado pelo peso dividido pela altura ao quadrado – Kg/m2) e no risco de mortalidade associada. Assim, considera-se obesidade quando o IMC encontra-se igual ou acima de 30 Kg/ m2 e obesidade mórbida quando o IMC está acima de 40 Kg/m2. A cirurgia gastrintestinal para a obesidade, também chamada de cirurgia bariátrica ou, mais popularmente, cirurgia para redução do estômago, é uma opção para as pessoas com obesidade mórbida e que não conseguem perder peso pelos métodos tradicionais ou para quem sofre de problemas de saúde rela-

cionados à obesidade mórbida. A cirurgia bariátrica é classificada em duas categorias: restritiva e disabsortiva. Os procedimentos restritivos promovem a perda de peso pelo fechamento de partes do estômago para torná-lo menor, assim restringe a quantidade de alimento que o estômago comporta. Os procedimentos restritivos não interferem com o processo digestivo normal. Como resultado dessa cirurgia, a maioria das pessoas perde a capacidade de comer grande quantidade de comida de uma só vez. Após a operação, as pessoas usualmente conseguem comer apenas ¾ a 1 xícara de alimento sem desconforto ou náusea. Os alimentos também devem ser bem mastigados. Os procedimentos disabsortivos, as cirurgias mais comuns para a perda de peso, combinam a restrição do estômago com um desvio parcial do intestino delgado. É criada uma conexão direta do estômago para um segmento inferior do intestino delgado, reduzindo as porções do trato digestivo que absorvem as calorias e os nutrientes. A técnica mais utilizada é chamada de Y de Roux, que utiliza um anel de contenção para a redução do estômago. Como foi dito, a cirurgia bariátrica deve ser considerada em pessoas com um índice de massa corporal (IMC) acima de

40 – cerca de 45 Kg de excesso de peso para homens e 36 Kg para mulheres. As pessoas com IMC entre 35 e 40 que sofrem de diabetes tipo 2 ou problemas cardiopulmonares que levam a risco de vida, como a apnéia do sono grave ou doença cardíaca relacionada com a obesidade podem também ser candidatas para a cirurgia. A seleção dos pacientes requer um tempo mínimo de 5 anos de evolução da obesidade e falência do tratamento convencional realizado por profissionais qualificados, assim como a ausência de uma causa endocrinológica para a obesidade e estabilidade psicológica suficiente para entender os mecanismos e as conseqüências da cirurgia. A cirurgia estaria contra-indicada em pessoas com doenças pulmonares graves, insuficiência renal, lesão acentuada do músculo cardíaco e cirrose hepática. Logo após a cirurgia, a maioria das pessoas perde peso rapidamente e mantém essa perda por 18

a 24 meses após o procedimento. Embora a maioria das pessoas readquira 5% a 10% do peso perdido, muitas mantêm a perda de peso a longo prazo em cerca de 45 Kg. Além disso, a cirurgia melhora a maior parte das condições relacionadas à obesidade, como por exemplo o diabetes tipo 2. Quanto maior a extensão do desvio intestinal, maior será o risco de complicações e deficiências nutricionais. Pessoas com maior alteração no processo normal de digestão irão necessitar de maior monitoramento e uso por toda a vida de alimentos especiais, suplementos, e medicações. Um risco comum das operações restritivas são os vômitos, que são causados quando o estômago, agora menor, é excessivamente preenchido por alimentos mal mastigados.. Em menos de 1% de todos os casos, infecção ou morte devido a complicações pode ocorrer.

Gazeta de Varginha Ltda CNPJ: 21.535.075/0001-47

E-mail: gazetadevarginha@gmail.com (redação) gazetacomercial2@gmail.com (comercial)

Telefones (35) 3221-4668 (35) 3221-4845 (fax) (35) 9 9974-4668 (whatsapp) Diário de circulação regional Horário de funcionamento: 8h às 18h Diretora administrativa: Ana Maria Silva Piva Jornalista responsável: Lanamara Silva (MTB: 8304 JP) Editor: Rodrigo S. Fernandes (Sindjori-MG: 312/99) Administração / revisão: Lanamara Silva Jornalista e superintendente de redação: Paulo Ribeiro da Silva Fernandes (MTB: 16.851) Endereço: Av. dos Imigrantes, 445 Santa Maria - CEP: 37022-560 – Varginha

Copyright © 2008 Bibliomed, Inc. 22 de abril de 2008, revisado em 20 de março de 2014.

Site oficial: www.gazetadevarginha.com.br gazetavga.blogspot.com.br Redes Socias Facebook: Gazetavga Instagram: gazetadevarginha2 ABRAJORI – Associação Brasileira de Jornais do Interior SINDJORI – Sind. Prop. De Jornais e Revistas do Interior ADJORI – Associação dos Jornais do Interior de Minas Gerais ADI – Associação dos Jornais do Interior de Minas Gerais A redação não se responsabiliza por conceitos emitidos em artigos assinados, mesmo sob pseudônimos, que são de inteira responsabilidade de seus autores.


16 DE ABRIL DE 2019

LOCAL

GAZETA DE VARGINHA | 03

Secretaria Municipal de Educação de Varginha aposta nas parcerias para melhoria da educação Este ano já foram firmadas várias parcerias com o objetivo de articular a implantação de novos projetos e prosseguir com outros A Secretaria Municipal de Educação vem contando com inúmeras parcerias e esse trabalho conjunto entre comunidade, empresas privadas e públicas, ONGs e universidades vem colaborando com as instituições escolares em seus projetos e ações. As parcerias não visam substituir a secretaria na sua responsabilidade de prover educação básica à população, mas sim potencializar os seus investimentos nessa área,

aproximando o setor público e privado, o que só tem a acrescentar aos programas pedagógicos desenvolvidos nas nossas escolas. “Fortalecer esse laço com nossos parceiros é uma maneira de oportunizar um maior envolvimento das comunidades com as nossas escolas", ressalta a secretária de Educação, Rosana Carvalho. Este ano já foram firmadas várias parcerias com o objetivo de articular a implantação

de novos projetos e prosseguir com outros, que atendam cada escola em suas características e necessidades específicas. Agradecemos aos nossos parceiros pela colaboração em nossos projetos e por acreditarem que ainda é possível realizar grandes feitos pela Educação em nosso município. Nosso desejo é de estarmos sempre juntos e que continuemos nessa caminhada rumo à excelência!

Polícia Militar de Varginha frustra golpe do seguro

Por volta das 8 horas de sábado (13), a Polícia Militar foi procurada no Posto Policial do Terminal Rodo-

viário Nova Varginha pelo proprietário de um veículo Fiat Uno. Ele relatou que estacionou em frente à re-

sidência de seu irmão, na Rua Felipe Mitidieri Amorim, Bairro Nossa Senhora das Graças, e não o encontrou pela manhã. O motivo do registro de furto do veículo é para fazer o acionamento da empresa de seguro. O irmão da vítima, de 46 anos, disse depois aos policiais ter visto o veículo estacionado por volta de 21 horas do dia anterior. Durante o contato com os irmãos, a PM pôde perceber um certo nervosismo

e ao questioná-los, a fim de esclarecer os fatos, eles entraram em contradição quanto ao dia de estacionamento no local. A vítima ao ser questionada novamente sobre os fatos confessou que, precisando de dinheiro para terminar uma obra em sua casa, combinou com o irmão que registraria furto do veículo para acionar a seguradora, a fim de receber a quantia de aproximadamente R$ 14.000,00.

Foi arquitetado então um plano para forjar o furto do veículo com um indivíduo conhecido por “Borracheiro”, que iria participar levando o veículo a Campinas/SP, onde seria desmanchado. A guarnição deslocouse então para o local do encontro onde prendeu o tal “Borracheiro” numa moto-

cicleta Suzuki com vários caracteres do chassi suprimidos. Ele contou que recebeu R$ 300,00 para fazer parte do plano, levando o veículo até a cidade de Campinas e deixar com um pessoa previamente indicada. Foi localizada durante busca pessoal a quantia de R$ 720,00 e uma chave automotiva de cor azul.

CLUBE OLIMPICO RIO VERDE COMUNICADO VITOR SANTOS PICHELI, Presidente em exercício do CLUBE OLIMPICO RIO VERDE, no uso das suas atribuições vem por meio deste, comunicar os associados do Clube Olímpico Rio Verde integrantes da categoria Proprietário em pleno gozo de seus direitos sociais que Assembleia Geral Extraordinária que seria realizada no dia 16 de Abril de 2019, será adiada para o dia 30/ 04/2019na sede do Clube, à Avenida Ayrton Senna da Silva, nº 2000 – Parque Residencial Rio Verde Varginha/MG, as 19:00 em quarta e ultima convocação, mediante a votação de qualquer numero dos associados proprietários conforme artigo 24 Parágrafo Único do Estatuto Social para deliberar sobre a seguinte ordem do dia: 1)Mudanças no Estatuto Social do Clube. 2)Outros Assuntos de Interesse do Clube. CLUBE OLIMPICO RIO VERDE Vitor Santos Picheli Presidente


04|GAZETA DE VARGINHA

16 DE ABRIL DE 2019

LOCAL

NAFs do Sul de Minas Gerais prestam serviços à população com diversos atendimentos gratuitos Os Núcleos de Apoio Contábil e Fiscal, foram capacitados pela RF para prestar auxílio à população em diversos atendimentos gratuitos Os Núcleos de Apoio Contábil e Fiscal (NAF), foram capacitados pela Receita Federal para prestar auxílio à população em diversos atendimentos gratuitos. Os Núcleos são uma parceria da Receita Federal com as Instituições de Ensino Superior (IES) que possuem curso de ciências contábeis presencial, uma iniciativa que visa uma maior interação entre a RFB, as IES, alunos e a sociedade, propiciando por meio da cooperação mutua, a quali-

ficação dos futuros profissionais e a prestação de serviços fiscais aos contribuintes hipossuficientes. Nos Núcleos ficam alunos e professores disponíveis para tirar dúvidas e auxiliar o cidadão. Entre os principais atendimentos prestados pelos NAFs, estão a atualização cadastral do CPF, orientações sobre o Imposto Territorial Rural (ITR), orientações sobre o Microempreendedor (MEI), orientação e auxílio no preenchimento da

Declaração de Imposto de Renda, entre outros. Vale ressaltar que os Núcleos de Apoio Contábil Fiscal atendem contribuintes de baixa renda, bem como a microempresas, microempreendedores individuais e entidades sem fins lucrativos. Saiba onde está o NAF mais próximo de você: Poços de Caldas/MG - Pitágoras - Av. João Pinheiro, 1046 - Centro Período de Atendimento e Horário Segun-

das e quartas das 16h às 18h Pouso Alegre/MG - ASMEC - Rua Adhemar Cruz, 95 - Centro Período de Atendimento e Horário Terças das 17h às 19h e quartas das 14h às 18h - UNIVÁS - Av. Pref. Tuany Toledo - 470 – Fátima I - Sala 01A (Prédio Prograd) Período de Atendimento e Horário segundas, quartas e sextas das 16h30 às 18h30 - UNIS - Rua Pedro Bechara,140, centro Período de Atendimento e Horário Terças e quintas das 17h às 19h Três Corações/MG - UNINCOR - Av. Castelo Branco, 82, Chá-

cara das Rosas Período de Atendimento e Horário Segundas, quartas e sextas das 10h às 12h Varginha/MG - FACECA - Rua Professor Felipe Tiago Gomes, 173, sala 26, térreo, Vila Bueno Período de Atendimento e Horário Segundas, terças e quartas das

17h às 19h - UNIFAL - Av. Celina Ferreira Ottoni, 4000 - Padre Vitor Período de Atendimento e Horário Terças e quintas das 14h às 16h - UNIS - Av. Coronel José Alves ,256, Vila Pinto Período de Atendimento e Horário Segundas, quartas e sextas das 16h às 18h30

Liga de Odontopediatria/Ortodontia da Unifenas formaliza parceria com a Seduc No dia 05/04, na última sexta-feira, os alunos da Liga de Odontopediatria/Ortodontia da UNIFENAS, campus Varginha, juntamente com a coordenadora Viviane Mendonça de Paula, estiveram em reunião com a Diretora do Departamento Geral de Ensino Elaine Cristina Biancasteli e com a coordenadora de Projetos Solange Conde para formalizar a parceria entre ambas as instituições. Além de apoiar o

Programa Saúde na Escola, a equipe da UNIFENAS realizará outras ações que pode-

rão ser desenvolvidas, dependendo na necessidade de cada comunidade escolar.


16 DE ABRIL DE 2019

GAZETA DE VARGINHA | 05

LOCAL

Preço do café abaixo do custo de produção mobiliza entidades governamentais e cooperativas A trajetória de queda observada nos últimos quatro anos nos preços do café verde se agravou ainda mais no primeiro trimestre de 2019 A trajetória de queda observada nos últimos quatro anos nos preços do café verde se agravou ainda mais no primeiro trimestre de 2019. A razão é a safra recorde de 2018, que registrou 62 milhões de sacas, representando aumento de 38% em relação à produção de 2017, que ficou em 45 milhões de sacas. Hoje a saca de 60 kg está sendo comercializada no mercado entre R$ 370 e R$ 380, e o preço mínimo estabelecido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), parâmetro criado para manter o equilíbrio de mercado, é de R$ 362,57. Já o custo total de produção em Minas Gerais, calculado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), é de R$ 428,12 por

saca no sistema de produção mecanizada e de R$ 501,33 no sistema de produção manual. “Basta fazer uma conta simples para verificar que, no ano passado, quando o preço de mercado do café verde chegou próximo de R$ 500 a saca, o produtor já vinha operando no limite. Agora, os cafeicultores mineiros, a maioria deles agricultores familiares, estão enfrentando uma grave crise financeira”, contextualiza Niwton Moraes, engenheiro agrônomo e assessor especial de Cafeicultura da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa). Diante deste cenário, a secretária de Agricultura, Ana Maria Valentini, encaminhou, nesta sexta-feira (12/4), um ofício à ministra da

Agricultura, Tereza Cristina, reivindicando apoio político a algumas providências mais imediatas para evitar um colapso no setor de produção. “Como medidas emergenciais, solicitamos à ministra que promova a intermediação junto aos agentes financeiros para a negociação de prazos para o pagamento de financiamentos e o lançamento de um contrato de opção de venda para o café”, detalha. O contrato de opção de venda consiste em um acordo firmado entre produtores e o governo federal, por meio da Conab, que prevê a aquisição de lotes a um preço previamente definido para possível entrega no próximo ano. Caso seja acatado, o contrato irá permitir que os cafeicultores mineiros tenham a

opção de vender a produção para a Conab, se o valor de mercado estiver menor do que o negociado com o governo. “Isso foi feito em 2013, quando a cafeicultura passava por uma situação parecida com a de agora. Sem o apoio do ministério, os produtores correm sério risco de enfrentar dificuldades para honrar com os compromissos domésticos e tam-

bém para formar a lavoura do ano que vem”, adverte Moraes. Produção Com pouco mais da metade da produção nacional, Minas Gerais tem cerca de 150 mil cafeicultores, a maioria deles agricultores familiares que utilizam o sistema de produção manual, de maior custo em razão da necessidade de mão de obra.

Dos 463 municípios do estado com exploração econômica do café, grande parte tem na atividade sua quase exclusiva produção agrícola, o que resulta em municípios com elevada dependência do produto para a economia local e regional. Estudos da Conab indicam que a expectativa é que a safra de 2019 feche em 52 milhões de sacas de café de verde.

Lajes São Domingos Concretos, blocos, lajes e todo tipo de artefatos para construção

Telefone: 3222-5858


06| GAZETA DE VARGINHA

COLUNA MINAS GERAIS Rede de Notícias do Sindijori Hospital limita atendimentos pelo SUS O diretor clínico do Hospital Santa Rosália, Marcos Antônio Martin Amaral, enviou ofício aos médicos informando de uma situação financeira gravíssima do hospital e que os serviços poderão ser paralisados até dia 25 de abril. Há muito tempo o hospital vem anunciando paralisação, passando por problemas financeiros graves, atrasos em salários dos médicos, problemas que muitas vezes são resolvidos paliativamente. Mas, parece que agora chegou numa situação insustentável. . (diário Tribuna – Teófilo Otoni)

Sete Lagoas amplia atendimento contra dengue O Ministério Público do Estado de Minas Gerais, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), o Instituto Mineiro de Gestão de Águas (Igam) e o Instituto BioAtlântica (Ibio), entidade equiparada à agência de águas da bacia do Rio Doce, com a interveniência do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Doce (CBH-Doce), firmaram Termo de Compromisso para estabelecer a cooperação mútua na prestação de apoio técnico-administrativo, tratamento de dados e instrução de no mínimo 1.800 processos de outorgas dos empreendimentos localizados nas Unidades de Planejamento e Gestão de Recursos Hídricos do Piranga, Piracicaba, Santo Antônio, Suaçuí, Caratinga e Manhuaçu, que se encontram em fase de análise na Unidade Regional de Gestão das Águas Leste de Minas. (Diário de Caratinga)

Número de acidentes cresce 22% O número de acidentes com motocicletas no Centro Oeste de Minas aumentou 22% no primeiro trimestre de 2019, segundo um levantamento feito com base nas ocorrências atendidas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e Emergência (Samu). O levantamento considerou os registros feitos em Divinópolis, Pará de Minas, Bom Despacho, Formiga e Nova Serrana e revelou que o número saltou de 123 acidentes registrados entre janeiro e março de 2018 para 150 acidentes no mesmo período de 2019. Dos municípios analisados pela reportagem, a cidade que mais registrou aumento no número de acidentes no período foi Divinópolis, com 79 ocorrências registradas em 2019 contra 49 registros em 2018. Em seguida está Formiga, que saltou de 8 acidentes, para 16 ocorrências. (Jornal Nova Imprensa- Formiga)

ONG recorre à Justiça Castrações animais farmacológicas previstas no Programa de Manejo Populacional de Cães e Gatos, lançado neste sábado, 13, foram impedidas de ser realizadas por uma ação cível pública impetrada pela Organização Não-Governamental (ONG) Abrigo dos Anjos. Iraci Neto lamentou e disse que a iniciativa prejudica as ações do programa. Somente para o sábado, durante o lançamento do programa, havia a previsão de serem realizadas de 50 a 60 castrações farmacológicas, ou seja, por meio de medicamentos. “Tivemos esse dissabor, fomos pegos de surpresa, essa ação está programada há mais de sessenta dias, então fomos prejudicados”, reclama Iraci. (Jornal da Manhã- Uberaba)

16 DE ABRIL DE 2019

REGIONAL

Cemig investe R$ 2,6 milhões em soluções de eficiência energética em Elói Mendes A Cemig, por meio de seleção pública de projetos em eficiência energética, está modernizando a iluminação das vias públicas de Elói Mendes, na região Sul de Minas, mediante um investimento de R$ 2,6 milhões. A ação consiste na substituição das lâmpadas e luminárias convencionais da iluminação pública por luminárias com tecnologia LED consideradas mais modernas, econômicas e eficientes. Segundo o técnico de eficiência energética Cristiano Magalhães, da Cemig, a iniciativa, que prevê a implantação de iluminação com tecnologia LED em 2.993 pontos do município, garantirá uma economia média de R$ 28 mil por mês para a prefeitura. “Além da economia em recursos financeiros, a nova iluminação traz benefícios para toda a população, melhorando os níveis de iluminação das vias públicas e fomentando a sustentabilidade”, aponta Cristiano Magalhães. Telegestão de ilu-

minação pública Ainda segundo Cristiano Magalhães, as novas luminárias já vêm preparadas para que, futuramente, a prefeitura possa implementar um sistema de telegestão da iluminação pública. Esse sistema possibilita que, por meio de software, seja feito o gerenciamento remoto de todos os pontos de iluminação, permitindo que, em casos de problemas com alguma luminária, a prefeitura atue com mais rapidez e eficiência para que a ocorrência seja sanada. Chamada Pública e Programa Energia Inteligente

A Cemig disponibiliza, anualmente, o edital para captação de projetos de eficiência energética. A iniciativa, realizada com recursos do Programa Energia Inteligente, regulado pela Aneel, contempla unidades consumidoras das tipologias industrial, residencial, comércio e serviços, poder e serviços públicos, rural e de iluminação pública. A seleção pública de projetos tem o intuito de democratizar a participação dos consumidores e instituições públicas e privadas de Minas Gerais. Por exemplo: no caso da iluminação pública,

que, desde 2015, é de responsabilidade das prefeituras municipais, a Chamada Pública significa uma oportunidade de eficientizar os serviços com recursos do Programa de Eficiência Energética. A abertura do edital de Chamada Pública da Cemig de 2017 captou, além de Elói Mendes, projetos de iluminação pública nos municípios de Ipiaçu, no Triângulo, e Mar de Espanha, na Zona da Mata, que também estão em fase de execução. Para atender aos municípios com a nova iluminação, serão investidos no total R$ 4,2 milhões.

Projeto capacita para o Turismo Vivo A Prefeitura de Ouro Preto em parceria com a Ufop apresenta o projeto “Conviver- Valorização e capacitação de pessoas para o Turismo Vivo”. Trata-se de um projeto sem fins lucrativos que objetiva a complementação da educação e a inserção social de pessoas a fim de sensibilizar e capacitar moradores para a atividade turística e cultural. Envolve pessoas atendidas pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Habitação e Cidadania de Ouro Preto, sobretudo, jovens, mulheres e famílias que possuem o CADÚnico. O projeto vai oferecer “workshops”. (Jornal Voz AtivaOuro Preto)

APOIO

(35) 2106-8100 CRC MG 7500

Projeto dá carteira de identidade

Termo de compromisso é firmado

Os adolescentes carentes do serviço de convivência do Grande Maracanã vão ter acesso a Carteira de Identidade gratuitamente, a partir deste mês, através do projeto “Cidadania em Foco”, lançado no último sábado, 13, pelo Centro de Referencia de Assistência Social do Maracanã (Cras Maracanã), em parceria com a Loja Maçônica Deus e Liberdade. A proposta é atender 300 adolescentes dos 15 bairros que formam o Território Maracanã. A coordenadora do Cras Maracanã, Claudia Gislene Rocha Fonseca, constatou que muitos adolescentes e jovens não têm documentos, como a carteira de identidade, certidão de nascimento, título eleitoral, carteira profissional e até mesmo o CPF. Um dos principais entraves é que os adolescentes e jovens precisavam apresentar uma fotografia atualizada para retirar a carteira de identidade. (Gazeta Norte Mineira- Montes Claros)

O Ministério Público do Estado de Minas Gerais, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), o Instituto Mineiro de Gestão de Águas (Igam) e o Instituto BioAtlântica (Ibio), entidade equiparada à agência de águas da bacia do Rio Doce, com a interveniência do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Doce (CBHDoce), firmaram Termo de Compromisso para estabelecer a cooperação mútua na prestação de apoio técnico-administrativo, tratamento de dados e instrução de no mínimo 1.800 processos de outorgas dos empreendimentos localizados nas Unidades de Planejamento e Gestão de Recursos Hídricos do Piranga, Piracicaba, Santo Antônio, Suaçuí, Caratinga e Manhuaçu, que se encontram em fase de análise na Unidade Regional de Gestão das Águas Leste de Minas. (Diário de Caratinga)


16 DE ABRIL DE 2019

REGIONAL

GAZETA DE VARGINHA | 07

Cardiologia do Hospital Vaz Monteiro em Lavras realiza novo procedimento de arritmias cardíacas O investimento em novas tecnologias e aprimoramento científico tem sido uma constante no Departamento de Cardiologia Com uma equipe que atualmente conta com cerca de 12 médicos (cardiologistas, hemodinamicistas, cirurgiões cardiovasculares, ecocardiografistas, arritmologistas), além da equipe de apoio (enfermagem, administradores, atendentes), a instituição tem

oferecido à comunidade lavrense e das cidades vizinhas diagnósticos, prevenção e tratamentos completos dentro da especialidade cardiológica. Soma-se a isso uma estrutura complexa, da qual se destacam os CTIs Adulto e Pediátrico, um Centro Cirúrgico plena-

mente equipado e a equipe multiprofissional (intensivistas, anestesistas, fisioterapeutas, nutricionistas, farmacêuticos, entre outros) que asseguram o pleno atendimento aos pacientes e seus familiares. Sob coordenação do cardiologista Marcos

· Apartamentos aconchegantes · Sala para 2 ambientes + varanda · Cozinha e área de serviço · 2 Quartos · Banheiro Social · Garagem privativa e coberta · Portão eletrônico · Água, luz e gás com instalação individual · Interfone e muito mais!

Daniela Mot Mottta Cor a de Imóveis Corrretor etora CRECI 29093 I.M 028224 (35) 3221-7268 / 9 8858-6885 r dcons tr utor a@hotmail.com dconstr trutor

Cherem, o Vaz Monteiro tem sido palco de múltiplos procedimentos considerados pouco invasivos, sem a necessidade de abertura da cavidade torácica para sua realização. Essa semana foram implantados, por exemplo, Cardiodesfibriladores Implantáveis (CDI), aparelhos de poucos centímetros que ficam sob a pele dos pacientes corrigindo instantaneamente diversas arritmias cardíacas que, de outro modo, trariam risco à vida. No caso do coração ficar muito lento (bradicardia), o CDI acerta o ritmo, funcionando como uma marcapasso convencional. Entretanto, se o coração apresentar uma aceleração anormal (taquicardia), o mesmo CDI inicia protocolos de reversão imediatamente, através de estímulos elétricos de alta ou baixa energia, conforme programação da equipe de cardiologia. "Particularmente no caso de taquicardias ven-

triculares sustentadas, que são arritmias especialmente arriscadas e que podem levar à perda de consciência e à morte, os CDIs são o que há de mais avançado, pois oferecem a possibilidade de tratamento imediato 24 horas por dia, em qualquer local ou situação em que a pessoa se encontre" explicou Marcos Cherem. O médico João Marcos de Oliveira, que cuida da Divisão de Arritmia e Eletrofisiologia do Vaz Monteiro, explica que "os pacientes que se beneficiam deste equipamento são criteriosamente avaliados pela equipe antes do implante, para decidir o modelo indicado em cada caso e a programação do aparelho. Normalmente, estas decisões são baseadas em estudo eletrofisiológico intracardíaco, que realizamos rotineiramente há mais de um ano aqui na instituição". Os estudos eletrofisi-

ológicos são realizados pelos Drs. Eduardo Rocha Barouche e Leonardo Figueiredo de Abreu, enquanto os implantes de CDIs foram conduzidos pelo cirurgião cardiovascular Thiago Breguez. "Os procedimentos são realizados com sedação, sem necessidade de anestesia geral e, em geral, os pacientes recebem alta hospitalar no dia seguinte" explicou o hemodinamicista responsável Dirceu Dias Barbosa Sobrinho. Segundo Marcos Cherem "há apenas dois anos esses tratamentos e diagnósticos em pacientes da nossa cidade demandavam encaminhamentos para outros centros, especialmente Belo Horizonte e São Paulo, mas hoje podemos diagnosticar e tratar arritmias complexas aqui mesmo, com segurança e conforto para aqueles que necessitam". Fonte: Jornal de Lavras


08|GAZETA DE VARGINHA

LOCAL

16 DE ABRIL DE 2019


16 DE ABRIL DE 2019

LOCAL

GAZETA DE VARGINHA | 09


10|GAZETA DE VARGINHA

LOCAL

16 DE ABRIL DE 2019


GAZETA DE VARGINHA | 11

16 DE ABRIL DE 2019

MINAS

Minas Gerais pede apoio do Governo federal contra crise da cafeicultura A trajetória de queda observada nos últimos quatro anos nos preços do café verde se agravou ainda mais no primeiro trimestre de 2019. A razão é a safra recorde de 2018, que registrou 62 milhões de sacas, representando aumento de 38% em relação à produção de 2017, que ficou em 45 milhões de sacas. Hoje a saca de 60 kg está sendo comercializada no mercado entre R$ 370 e R$ 380, e o preço mínimo estabelecido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), parâmetro criado para manter o equilíbrio de mercado, é de R$ 362,57. Já o custo total de produção em

Minas Gerais, calculado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), é de R$ 428,12 por saca no sistema de produção mecanizada e de R$ 501,33 no sistema de produção manual. “Basta fazer uma conta simples para verificar que, no ano passado, quando o preço de mercado do café verde chegou próximo de R$ 500 a saca, o produtor já vinha operando no limite. Agora, os cafeicultores mineiros, a maioria deles agricultores familiares, estão enfrentando uma grave crise financeira”, contextualiza Niwton Moraes, engenheiro agrônomo e assessor especial de Cafeicultu-

ra da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa). Diante deste cenário, a secretária de Agricultura, Ana Maria Valentini, encaminhou, nesta sexta-feira (12/4), um ofício à ministra da Agricultura, Tereza Cristina, reivindicando

Estado capacita profissionais da Defensoria para mediação comunitária Conflitos de interesses fazem parte da vida em sociedade, ainda mais pela diversidade de ideias, opiniões e posições, que podem ser convergentes ou não. Para evitar que eventuais contrapontos sejam tratados de forma violenta entre os envolvidos, o programa Mediação de Conflitos (PMC), da Secretaria de Segurança Pública (Sesp), atua por meio da mediação comunitária em territórios com alto índice de vulnerabilidade social, baixo acesso a diretos, baixo capital social e altos índices de violência. Em ação mais recente, a diretora do Programa Mediação de Conflitos, Tatiane Maia, apresentou a metodologia da Política de Prevenção Social à Criminalidade a 50 profissionais da Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG), em

uma capacitação na área de Mediação de Conflitos. Uma troca considerada fundamental por Tatiane, tendo em vista o objetivo de reduzir os índices de homicídios e crimes violentos nas comunidades mineiras. "É imprescindível uma articulação de rede para atuar na segurança pública. Praticamente 50% dos encaminhamentos do PMC, no âmbito jurídico, são para a Defensoria. Ter esta parceria estreitada é muito importante para a construção de um trabalho integrado no Estado - e quem ganha é a população ”, conta a diretora. A advogada Camila Linhares, que atua no setor de Serviços de Atendimentos e Processos familiares da Defensoria Pública, destaca a importância da capacitação para sua rotina pro-

fissional. “Conseguirei identificar e trabalhar as relações de conflitos intrafamiliares entre os atendidos, além dar ideias de processos e melhorias no nosso setor”, compartilha a advogada. A defensora Ana Cristina Cunha também se inscreveu na capacitação. Ela, que já atua como mediadora no Centro de Mediação e Conciliação Familiar, acredita que o PMC é uma referência na mediação comunitária e a capacitação irá reforçar a qualidade dos seus atendimentos. “Quando nos deparamos com uma demanda de divórcio, por exemplo, buscamos mediar uma separação consensual. O litígio é apenas em último caso, após esgotadas as tentativas amigáveis”, conta a defensora.

apoio político a algumas providências mais imediatas para evitar um colapso no setor de produção. “Como medidas emergenciais, solicitamos à ministra que promova a intermediação junto aos agentes financeiros para a negociação de prazos para

o pagamento de financiamentos e o lançamento de um contrato de opção de venda para o café”, detalha. O contrato de opção de venda consiste em um acordo firmado entre produtores e o governo federal, por meio da Conab, que prevê a

aquisição de lotes a um preço previamente definido para possível entrega no próximo ano. Caso seja acatado, o contrato irá permitir que os cafeicultores mineiros tenham a opção de vender a produção para a Conab, se o valor de mercado estiver menor do que o negociado com o governo. “Isso foi feito em 2013, quando a cafeicultura passava por uma situação parecida com a de agora. Sem o apoio do ministério, os produtores correm sério risco de enfrentar dificuldades para honrar com os compromissos domésticos e também para formar a lavoura do ano que vem”, adverte Moraes.


12| GAZETA DE VARGINHA

16 DE ABRIL DE 2019

EVANGÉLICA

AGIR SEM VAIDADE! Meus amigos e leitores em Cristo Jesus, no dia de hoje vamos refletir e discorrer acerca de buscarmos a Glória de Deus e jamais a Glória dos Homens. Mister obtermos galardão junto ao Pai Celestial. Portanto, para isso, por gentileza, vamos abrir as Letras Sagradas no Santo Evangelho de Mateus, precisamente no Capítulo de número 06 (seis, versos destacados, tudo conforme abaixo transcrevemos, na íntegra: “1 Guardai-vos de exercer a vossa justiça diante dos homens, com o fim de serdes vistos por eles; doutra sorte, não tereis galardão junto de vosso Pai celeste. 2 Quando, pois, deres esmola, não toques trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas, nas sinagogas e nas ruas, para serem glorificados pelos homens. Em verdade vos digo que eles já receberam a recompensa. 3 Tu, porém, ao dares a esmola, ignore a tua mão esquerda o que faz a tua mão direita; 4 para que a tua esmola fique em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará. 5 E, quando orardes, não sereis como os hipócritas; porque gostam de orar em pé nas sinagogas e nos cantos das praças, para serem vistos dos homens. Em verdade vos digo que eles já receberam a recompensa. 6 Tu, porém, quando orares, entra no teu quarto e, fechada a porta, orarás a teu Pai, que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará. 7 E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; porque presumem que pelo seu muito falar serão ouvidos. 8 Não vos assemelheis, pois, a eles; porque Deus, o vosso Pai, sabe o de que ten-

des necessidade, antes que lho peçais.” Meus queridos irmãos em Cristo Jesus, a sociedade é perfeitamente capaz de reconhecer sempre que os ricos estabelecem uma base para o bem de doações de caridade. Essas pessoas são louvadas por sua generosidade e bom trabalho em dar aos necessitados. Vejam isto na própria Palavra de Deus: “27 A religião pura e sem mácula, para com o nosso Deus e Pai, é esta: visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações e a si mesmo guardar-se incontaminado do mundo.” (Tiago 1). Contudo meus amigos, não estamos falando de religiosidade, tampouco de publicidade da caridade humana. Mais frequentemente do que não, as pessoas procuram essa publicidade, querendo que saibamos quão caridosos e generosos eles realmente são. Amados, O Mundo persegue os elogios dos homens, mas o Povo de Deus não deve fazer o mesmo, eis que somos servos do Evangelho. Assim de fato, se praticamos a justiça pelos elogios de outras pessoas, Jesus nos diz que não temos recompensa alguma vinda de Nosso Pai Celestial, vejam: “1 Guardai-vos de exercer a vossa justiça diante dos homens, com o fim de serdes vistos por eles; doutra sorte, não tereis galardão junto de vosso Pai celeste.” (Mateus 6). Prezados, O Mestre Jesus aplica este princípio geral aos três principais atos da piedade judaica, quais sejam: a esmola, a oração oração e o jejum. Amados, O Nosso Salvador Jesus Cristo nos adverte contra tocar a trombeta quando damos. Em Seu próprio contexto Ele pode estar se referindo ao

sopro sacerdotal do shofar (uma trombeta de chifre de carneiro) sempre que há uma grande necessidade na comunidade, na igreja, na Casa do Pai. Queridos, quando isso acontece, normalmente há muitas exibições ostentando homens fechando seus negócios, e correndo na direção ao templo para serem os primeiros a responder ao chamamento da trombeta ministerial. De se notar as caixas de coleção em forma de trombeta onde o dinheiro poderia ser depositado para ajudar os pobres estavam presentes no templo no primeiro século depois de Cristo, (d.C), e, estes também podem ser a base para a analogia dos dizeres messiânicos contidos nos versos 24, vejam: “2 Quando, pois, deres esmola, não toques trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas, nas sinagogas e nas ruas, para serem glorificados pelos homens. Em verdade vos digo que eles já receberam a recompensa. 3 Tu, porém, ao dares a esmola, ignore a tua mão esquerda o que faz a tua mão direita; 4 para que a tua esmola fique em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará.” (Mateus 6). Abençoados, as moedas jogadas naquelas caixas judaicas poderiam até fazer um barulho alto, anunciando que um grande presente foi dado. Em todo caso, o ponto do nosso Senhor é bastante claro:

AMANDO E REVERENCIANDO O SENHOR

“Não dê para receber louvor dos homens.” Amigos, Jesus não ensina ainda que não é “ilegal dar esmolas quando os homens nos vêem”, mesmo porque, muitas das vezes, a única maneira de ajudar os outros é na frente de outras pessoas. Concluindo, em concordância com a Justiça Perfeita que Jesus descreveu em Mateus 5 (cinco), que nos lembra que Jesus Cristo está ligado não no ato exterior feito pelo homem, mas na intenção do seu coração. (Mateus 19:2). Finalizando meus queridos leitores em Cristo Jesus, sob a ótica da antiga aliança, Jesus assume que daremos aos pobres, e isso deve ser feito na esperança de uma recompensa de Deus, jamais dos homens, vejam: “Pois nunca deixará de haver pobres na terra; por isso, Eu te ordeno: livremente, abrirás a mão para o teu irmão, para o necessitado, para o pobre na tua terra”. (Deuteronômio 15:11) “... e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará”. (Mateus 6:4b). Portanto, façamos tudo o que pudermos para ajudar ao nosso próximo, mas com o objetivo de cuidar e se importar com ele, e não com a nossa vaidade mundana. E Glórias a Deus por tudo isso! Na Paz do Senhor Jesus. Ministério Arca da Aliança. Dr. Simplício.

Cultos da Igreja Arca da Aliança em Varginha. Todas as Quintas, Sábados e Domingos às 19 horas e 30 minutos. Rua Orminda Vasconcelos, 465, Vila Floresta, CEP. 37004-350. Estamos esperando a sua visita!

Que exemplo os israelitas dos dias de Josué nos deram! Eles não viram dificuldade alguma em servir a Deus, a despeito do que tinham sentido 40 anos antes, ao crerem na má notícia. Os medrosos estavam mortos, e a nova geração cria na chegada do dia de tomar posse da Terra da Promessa e executar o propósito divino. Jamais diga: “Será impossível tomar posse do que o Senhor me deu”. Ele o ajudará! Para cumprir a ordem divina – destruir a cidade de Ai –, Josué preparou tudo. Vieram anciãos, príncipes e juízes que se colocaram de uma e outra banda da arca. Era o momento de afirmar o que Deus havia determinado, porque do monte Gerizim sairia a bênção para os fiéis. Esse monte foi mencionado pela samaritana quando ela questionou Jesus sobre onde se deveria adorar (Jo 4.20). Do monte Ebal foram lidas as maldições direcionadas a vários grupos de pessoas insubmissas a Deus. Lá estavam todo o povo de Israel, as autoridades, os estrangeiros e os naturais. Uma parte estava virada para o monte Ebal. Ouvir as maldições era como dizer que aquele decreto entrava em ação naquele momento. Amaldiçoadas eram as pessoas cujas práticas são condenadas pela Palavra de Deus. No entanto, a bênção veio primeiro sobre os israelitas. Agora, isso não aconteceu por acaso. Depois de aprenderem a re-

Mas, sejam fortes e não desanimem, pois o trabalho de vocês será recompensado". (2 Crônicas 15:7)

compensa pela fidelidade, muitos se arrependeram e passaram a agir certo, recusando-se a pecar. A pessoa que guarda os mandamentos não precisa temer as maldições, porque é abençoada automaticamente. Quem se entregou à iniquidade pela primeira vez sentiu que aquilo era errado. Afinal, o Espírito Santo nos convence do pecado, da justiça e do juízo (Jo 16.8). Quem observa os mandamentos divinos pode até se esquecer do decreto que fala sobre as maldições, porque está em outro território. Porém, quem não se interessa pelo que o Senhor fala sobre o bom comportamento que Seu povo deve ter precisa se questionar: “Eu quero continuar a viver no meio de tanta coisa ruim e ainda partir para o lago de fogo e enxofre, onde estarei pelos séculos dos séculos?”. A Deus seja a glória hoje e sempre! Nada nos exime da culpa, mesmo fazendo a obra do Altíssimo. Quem errar sofrerá uma pena. Desde que reconheçamos o nosso pecado e o confessemos com o pedido de perdão, somos perdoados por Deus, e Ele lança o nosso erro no mar do esquecimento (Mq 7.18,19). Só será condenada a pessoa que recusar o perdão divino. Não importa o quanto longe você tem ido; se receber Jesus como seu Salvador e não der mais ao diabo lugar na sua vida, você será perdoado e salvo. Viver com o Pai é maravilhoso!


16 DE ABRIL DE 2019

BRASIL

GAZETA DE VARGINHA |13

Economistas voltam a piorar projeção para o desempenho do PIB deste ano A safra ruim de indicadores do primeiro trimestre tem levado parte de bancos e consultorias a promover um novo movimento de corte nas projeções de crescimento econômico para o Brasil neste ano. Ao longo de 2019, os analistas têm piorado de forma seguida as projeções para a economia. No início do ano, havia a expectativa de que o Produto Interno Bruto (PIB) poderia crescer até 3%. Essas projeções iniciais foram revisadas para uma alta de 2%, e agora os novos números são ainda mais fracos: indicam um crescimento próxi-

mo de 1,5%. Na sexta-feira (12), os dois maiores bancos privados do país deram o tom desse maior pessimismo com a economia brasileira neste ano.

O Itaú reduziu a previsão para o PIB de 2% para 1,3%, e o Bradesco diminuiu a projeção de 2,4% para 1,9%. "O ritmo de retomada da economia bra-

sileira tem sido inferior ao esperado neste início de ano", escreveu o banco Bradesco em relatório. Há uma série de fatores que explicam o

fraco desempenho da economia brasileira: Prejudicada pela crise da Argentina e pela desaceleração global, a indústria ainda dá sinais claros de fraqueza; O desemprego segue num patamar levado, dificultando a retomada mais forte da economia; A confiança de consumidores e empresários recuou, inibindo a volta do consumo e de novos investimentos; Há incerteza com a rapidez da aprovação da reforma da Previdência, considerada fundamental para a recuperação da economia.

"Os índices de confiança apresentaram recuo generalizado em março e indicam risco de arrefecimento adicional da atividade à frente", disse o Itaú. Os números mais fracos para a economia já estavam ficando evidentes no relatório Focus, do Banco Central. A pesquisa semanal, que colhe a avaliação de uma centena de economistas, já estava indicando um quadro de maior fraqueza com as projeções para o crescimento indo abaixo de 2%. Se confirmados, os números de 2019 vão marcar mais um ano de frustração.

Lacunas da Política Nacional de Alfabetização fazem especialistas acenderem 'luz amarela' de alerta A Política Nacional de Alfabetização, assinada na

quinta-feira (11) pelo presidente Jair Bolsonaro, de-

fende a "priorização" da alfabetização das crianças já

no primeiro ano do ensino fundamental e a utilização de conceitos do método fônico. A gerente-executiva de Educação do Instituto Ayrton Senna Inês Kisil Miskalo considera importante ter uma política nacional de alfabetização, mas a implementação vai exigir atenção de todos os envolvidos. "A proposta é ótima, mas quando a gente começa a entrar no que está colocado lá, a gente começa a ver a luz amarela acendendo" - Inês Kisil Miskalo, gerente-executiva de Educação do Instituto Ayrton Senna "O fato de termos um decreto que prioriza a alfabetização é importante, é um norte que o país precisa. Mas como ele vai ser implementado é onde vamos prestar atenção", diz. Inês destaca a diversidade do país e a diferença cultural de cada região. Para ela, colocar a alfabetização como prioridade no 1º ano do fundamental pode antecipar um desenvolvimento que poderia ocorrer até 3º ano, de acordo com a meta 5 do Plano Nacional de Educação (PNE). "O problema é ter um conceito de alfabetiza-

ção vindo por decreto", diz. "A gente precisa pensar que alfabetizar no primeiro ano não significa ter

uma alfabetização plena. Você precisa continuar no segundo e terceiro ano", analisa. fonte:G1


14|GAZETA DE VARGINHA

16 DE ABRIL DE 2019

REGIONAL

Maior companhia aérea do país Azul, terá 41 voos extras em Minas Gerais durante a Semana Santa BH, uma das principais bases da companhia, terá 26 partidas extras e voos para São José dos Campos Maior companhia aérea do país em número de destinos atendidos, a Azul vai operar 162 voos extras em 41 aeroportos brasileiros durante a Semana Santa. Entre 18 e 22 de abril, somente em Minas Gerais, serão 41 voos extras, totalizando 3.290 assentos a mais. Belo Horizonte, uma das principais bases de

operação da companhia, contará com 26 operações adicionais para oito destinos. A novidade fica por conta dos voos não regulares entre a capital mineira e São José dos Campos. Além dessa rota, a Azul aproveitará o feriado da Semana Santa deste ano para ofertar mais voos entre BH e

Moringa a “Ár vor e da V ida” “Árvor vore Vida”

Governador Valadares, BH e Vitória, BH e Ilhéus, BH e Salvador, BH e Uberlândia, BH e Cabo Frio e BH e Porto Seguro. Para o diretor de planejamento de malha da empresa, Daniel Tkacz, os voos extras foram colocados à disposição para conciliar a oferta da companhia com a demanda durante o feriado. “Estamos sempre atentos às oportunidades e necessidades de nossos Clientes. Por isso, nesse período de quatro dias que muitas pessoas se programam para viajar, disponibilizaremos uma oferta re-

levante de voos extras para os destinos mais procurados. Tenho certeza de que preparamos uma malha que atende as expectativas de nossos Clientes que vão apro-

veitar a data para descansar, visitar a família ou conhecer uma das 110 cidades para onde a Azul voa. Será uma operação complexa, consolidando a nossa malha, que

é a maior do país”, ressalta Tkacz. As passagens para o feriado da Semana Santa ainda podem ser adquiridas por meio dos canais oficiais de venda da companhia.

Motoristas e usuários reclamam de más condições da MG-455, no Sul de Minas A Moringa é uma planta originária da India e Norte da África. É dotada de 90 nutrientes, todos os aminoácidos, betacaroteno e as vitaminas C, B2, B3, B6, B7, D, E e K. Moringa também é fonte de minerais como ferro, potássio, cálcio, cobre, magnésio, manganês e zinco. Contém 17 vezes mais cálcio que o leite, 25 vezes mais ferro que o espinafre, 15 vezes mais potássio que a banana e sete vezes mais vitamina C que a laranja. Também chamada de “Milagre da Natureza”, a Moringa traz vários benefícios para a saúde como melhoria da pressão arterial, redução do colesterol e da glicose. E ainda, fortalece músculos e ossos, ajuda na perda de peso, pele mais saudável, combate a asma e fornece energia ao corpo. Para ter todos esses benefícios basta tomar meia colher de chá com água ou suco pela manhã ou à noite. Informações e vendas pelo telefone: 35 3221-4845

Motoristas e usuários do trecho de 40 km da MG-455 entre Santa Rita de Caldas, Ibitiúra de Minas, Andradas e São João da Boa Vista, no interior paulista, estão preocupados com a rodovia. Eles reclamam que a pista está praticamente abandonada e cheia de buracos. Um grupo de estudantes que passa pelo trecho diariamente, cansado com a situação da rodovia, resolveu protestar e organizou um abaixo-assinado pedindo melhorias no trecho. “Cada dia é um contratempo diferente. Um dia a gente encontra um caminhão quase batendo de frente com a gente, um dia a gente tem que parar para outros carros passarem, porque não

tem passagem para todo mundo”, diz Mayrani Melo Lopes, estudante universitária. Em um vídeo registrado pela estudante Taís Fonseca, é possível ver o movimento intenso na rodovia, trechos sem acostamento e sem sinalização. Já a noite, é possível ver o quanto o ônibus chacoalha na estrada e chega a andar na contramão para evitar os buracos. “A gente enfrenta 80 km, todos os dias quase 200 km, para poder estudar. Então a gente espera melhorias”, afirma Taís. A Câmara de Vereadores de Santa Rita de Caldas já encaminhou dois pedidos ao Departamento de Edificação e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DEER/MG)

pedindo melhorias no trecho. Em outubro do ano passado, o departamento afirmou que faz manutenção rotineira na via. “Pode vir tapar o buraco ali, mas se não fizer uma drenagem, se não fizer o serviço bem feito na rodovia, constantemente vai só aumentar os problemas”, afirma o vereador Gustavo Couto Fonseca. O DEER/MG disse, em nota, que o serviço de tapa-

buracos é realizado rotineiramente em todas as rodovias estaduais sob a responsabilidade do departamento e que, à medida que os buracos reaparecem, nova programação é feita, com maior intensidade neste período chuvoso. Ainda segundo o departamento, o tapa-buracos está programado para ser retomado na MG-455 na próxima semana. Fonte: Portal Itajubá


16 DE ABRIL DE 2019

REGIONAL

GAZETA DE VARGINHA |15

Em trote solidário, universitários pintam escola pública de Pouso Alegre, MG Um grupo de estudantes universitários de Pouso Alegre (MG) decidiu mudar a ideia de trotes violentos contra calouros e apostar na solidarie-

dade. Como ritual de entrada na universidade, os estudantes se reuniram para pintar uma escola do município. “Eu estou muito fe-

liz de poder ajudar. É um trabalho que é pouco, mas é simples, é de coração. E de pouquinho em pouquinho, a gente vai conseguindo fazer dife-

rença, vai deixar uma marca da gente aqui”, explica a estudante de engenharia de produção, Jackeline Pereira Matos. A ideia do trote solidário surgiu em fevereiro, no início do semestre letivo. Todo o grupo optou por realizar uma boa ação. A escolha pela escola municipal, que fica a poucos metros da faculdade, veio depois de professores e alunos virem a situação do imóvel. A unidade atende a 800 alunos, em três turnos. As paredes estavam sujas e a pintura em mau estado de conservação. A necessidade de reforma veio desde 2015. Sempre a gente no-

tava a escola muito depredada, muito desgastada, por muito tempo. Então, desde o final do ano passado, nós cogitamos tentar ajudar”, explicou o diretor da universidade, Rodrigo de Lima Nascimento, que garante ser só o início. “Começando por essa, a gente pretende em outras oportunidades aplicar em outras escolas”. Os estudantes conseguiram arrecadar R$ 8 mil para compra das tintas e o material. Um pintor, com experiência de 30 anos, foi convidado como voluntário para coordenar a tarefa. “Fiquei surpreso porque eles estão mandando bem, indo super bem”, afirmou José Ronan.

A ação também teve ajuda de um aluno do 6º ano da escola. “Ajudar a escola a ficar mais bonita, a ficar mais arrumada”, contou Matheus Oliveira Alves, de 11 anos. Quem veio junto foi o pai de Matheus, que valorizou a atitude dos universitários. “É interessante ele participar conosco desse mutirão, pra que amanhã ele possa também querer ajudar as entidades, ver como funciona o sistema público, que precisa de ajuda. Faça uma ação para poder amanhã ter uma visão como que é o nosso mundo de hoje. É isso que é interessante ensinar os jovens de hoje”, afirma Emílio Ângelo Alves.


16 | GAZETA DE VARGINHA

16 DE ABRIL DE 2019

ESPORTE

Em jogo nervoso, Cruzeiro vence o Atlético no Mineirão e fica a um empate do bicampeonato Jogo teve duas expulsões, gol da equipe celeste anulado pelo VAR e duas reclamações do Galo em lances de pênalti não marcado Deu Cruzeiro no primeiro clássico da decisão do Campeonato Mineiro. Em jogo com alguns lances polêmicos, a equipe celeste venceu o Atlético por 2 a 1 no Mineirão, com gols de Marquinhos Gabriel e Leo - Ricardo Oliveira descontou. Com o resultado positivo no Gigante da Pampulha, os comandados de Mano Menezes precisam de apenas um empate no jogo da volta para conquistar o título. O Atlético ficou na bronca com a arbitragem. No fim do primeiro tempo, o dono do apito, Wagner do Nascimento Magalhães, não viu pênalti de Dedé sobre Igor Rabello. O segundo gol do Cruzeiro, marcado por Leo, de cabeça, sur-

giu após um escanteio inexistente. Os dois lances foram flagrados pela TV. Já o Cruzeiro teve um gol anulado pelo VAR. Após cobrança de escanteio, a bola resvalou no braço de Fred e morreu no fundo das redes. A vantagem do empate na decisão agora fica com o Cruzeiro. Em caso de igualdade no jogo da volta, a equipe celeste conquista o bicampeonato. Já o Atlético precisa da vitória por ao menos um gol para levantar a taça, uma vez que fez melhor campanha na fase inicial. Cruzeiro e Atlético voltam a se enfrentar pela final do Campeonato Mineiro no próximo sábado, dia 20, às 16h30, no Independência.

Para tentar aproveitar ainda mais a fragilidade defensiva no setor direito da defesa do Atlético, Mano Menezes promoveu a estreia de Pedro Rocha. Ele entrou aos 22’ na vaga de Rodriguinho. Marquinhos Gabriel foi deslocado para o centro. Apesar da tentativa, quem levou susto foi o Cruzeiro. Aos 28’, Ricardo Oliveira recebeu lançamento livre de marcação na meia-lua, avançou e bateu. A bola acabou passando por cima do travessão de Fábio. O Cruzeiro esperava uma chance para matar o jogo. Num contra-ataque, Fred achou Marquinhos Gabriel finalizou e Victor salvou. Na cobrança de escanteio, Fred subiu livre, tocou para o gol

e correu para comemorar o terceiro gol celeste. No entanto, após chamado do árbitro de vídeo e consulta de Wagner do Nascimento Magalhães, o lance foi anulado. A bola resvalou no braço direito do atacante e morreu no fundo das redes. O Atlético teve a

chance do empate. Após boa jogada, Geuvânio cruzou e Chará finalizou da entrada da pequena área para fora. O fim de jogo ficou quente. Em poucos segundos, Edilson, Marquinhos Gabriel e Rafinha levaram cartão amarelo. No lance seguinte à falta, Rafinha

fez nova falta e levou o segundo amarelo e, consequentemente, foi expulso. Na confusão, Adilson, do Atlético, também foi expulso. Foi a última emoção do clássico quente que terminou com festa da torcida celeste no Mineirão. Fonte: Super Esportes

Sandy Eventos divulga resultados da 3ª Copa Trespontana de Tênis

Varginhenses Andrey, Mateus e Marco na etapa em Tres Pontas

A Sandy Eventos, que organiza o Campeonato Sul Mineiro de Tênis, divulgou nesta segunda-feira (15) os resultados parciais da 3ª Copa Trespontana de Tênis. O evento teve a tabela original dividida em dois fins de semana em razão de fortes chuvas em Três Pontas. Mesmo assim, o organizador, Ivan Sandy, informa que a grande final da categoria Veterano A, envolvendo os tenistas

Ezio e Junior Ayres - ADULTO C

Tony Mendonça, de Três Pontas, e Rivera Pereira, de Perdões, não se realizou. Uma nova data será divulgada para a realização deste jogo. Na disputa do troféu Sandy Eventos, entregue á cidade com maior número de vitórias, Três Pontas e Varginha, venceram em duas categorias, e Camanducaia e Três Corações, em uma categoria cada. Após os jogos realizados, os resulta-

Hugo Carvalho de Brasilia na etapa em Tres Pontas

dos foram: : Infantil - campeão: Rafael Pereira (Três Pontas) e vice: Alfredo Vilela (Três Pontas). Adulto A: campeão - Murílio Naves (Varginha), e vice - Marcos Gonçalves (Varginha). Adulto B: Eduardo Begalli, de Camanducaia, venceu a disputa com Cássio Fernandes, de Varginha. Adulto C: campeão - Ezio Xavier (Três Corações) e vice - Junior Ayres (Campanha). Na categoria Veterano B, sagrou-

Murilio e Marco GoncalvesADULTO A

se campeão Messias Rodrigues, de Varginha, jogando contra o tenista belorizontino, Christiano Chaves. E na categoria Especial, o trespontano Duzinho Nogueira, de Três Pontas, venceu Betinho Carvalho, também de Três Pontas. Troféu Sandy Eventos Na disputa do Troféu Sandy Eventos, oferecido à cidade que obtiver a maior quantidade de pri-

meiros lugares em todas as etapas, inclusive o MASTERS, após quatro etapas, Varginha lidera com seis vitórias, deixando São Gonçalo do Sapu-

Vitor e Rivera de Perdoes na etapa em Tres Pontas

caí com cinco vitórias em segundo lugar. Alfenas, Extrema e Pouso Alegre ocupam a terceira colocação, com três vitórias cada cidade.

Profile for Gazeta de Varginha

Gazeta de Varginha 16/04/2019  

Edição 10.188

Gazeta de Varginha 16/04/2019  

Edição 10.188

Advertisement