Issuu on Google+


2

Paraná propõe antecipar vacinação contra gripe A Secretaria da Saúde do Paraná vai solicitar ao Ministério da Saúde a antecipação da campanha de vacinação contra as influenzas no Estado e a inclusão de crianças menores de seis anos entre os grupos prioritários para receber a imunização. O objetivo é intensificar as ações preventivas para evitar surtos maiores da doença. Segundo o superintendente de Vigilância em Saúde, Sezifredo Paz, a proposta leva em conta a vulnerabilidade da região Sul em relação às síndromes respiratórias, o que requer uma atenção especial. Paz afirmou que o período de aplicação da vacina, em maio e junho, é impróprio para os estados do Sul. “Temos uma situação climática diferente e a partir de março as temperaturas começam a cair e os riscos aumentam”, disse ele. As propostas serão encaminhadas ao ministério após o término do I Seminário Paranaense sobre Síndromes Respiratórias Agudas, que está acontecendo em Curitiba nesta sexta e sábado (14 e 15). O evento é um espaço aberto para a discussão das estratégias desenvolvidas pelo governo do Paraná no enfrentamento da gripe e outras doenças respiratórias. “Vamos elaborar um relatório sobre a experiência paranaense, contendo uma série de propostas para serem levadas ao ministério” destaca o superintendente. Ele lembrou que desde 2011 o Paraná vem pedindo ao governo federal a ampliação do número de vacinas para atender a maior número de paranaenses NÚMEROS DA GRIPE – Durante o seminário foram divulgados os novos números da gripe H1N1. De janeiro a setembro deste ano, 1.111 casos da doença foram confirmados laboratorialmente no Estado; 40 pessoas morreram. A maioria das mortes está relacionada à busca tardia pelo tratamento ou a alguma outra doença crônica pré-existente, como o

Marry Ducci é homenageada pela excelência da área social

câncer, por exemplo. Segundo a coordenadora do Centro de Investigação e Respostas Rápidas de Vigilância em Saúde, Angela Maron de Mello, os números deste ano são maiores do que os registrados em 2011 – quando houve apenas dois casos e nenhuma morte –, mas estão bem longe do registrado durante a pandemia de 2009. “O vírus Influenza H1N1 já circula em todo Paraná desde 2009, contudo seu comportamento é diferente a cada ano. Em 2012, o vírus voltou a circular com mais frequência, porém neste ano

EXPEDIENTE Diretor: Adilson da Costa Moreira Fones 8433-7462 e 3328-0176 Dep. comerciail: Antonio Fernando Soares Neto Rua Eng. Luiz Augusto L. Fonseca, 520 - Santa Cândida - Curitiba E-mail: gazetasantacandida@gmail.com Tiragem: 10.000 exemplares

www.santacandida.blogspot.com As matérias assinadas não refletem necessariamente a opinião do jornal.

estávamos preparados e pudemos evitar que o número de casos e mortes fosse maior”, ressaltou Angela. A pandemia de 2009 deixou mais de 80 mil doentes pela H1N1 no Paraná e foi responsável por 339 mortes. VACINA E TRATAMENTO – A estratégia do Paraná contra a gripe este ano abrangeu vacinação e medicamentos. A campanha de vacinação do Paraná atingiu a meta e imunizou quase 2 milhões de pessoas dos grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde.

Marry Ducci foi homenageda pela Associação Cultural e Beneficente Nipo-Brasileira de Curitiba, o Nikkei Clube, pelos relevantes serviços prestados na área da assistência social, durante sua gestão como presidente da Fundação de Ação Social - FAS. A cerimônia foi realizada na sede da rua Padre Julio Saavedra, 598, no Uberaba e contou com a presença de representantes da colônia japonesa em Curitiba. Marry agradeceu a premiação e falou sobre a importância da rede sócioassistencial existente, com os 45 CRAS – Centro de Referência de Assistência Social, as 11 Unidades de Atendimento, os 10 CREAS – Centro de Referência Especializado da Assistência Social, dois Centros de Convivência Espaço Amigo Curitibano e dois Centros POP Centros de Referência Especializado para População em Situação de Rua. “Serviços importantes que fazem de nossa cidade uma referência na assistência social, implantados por Beto Richa e Luciano Ducci para melhorar a qualidade de vida da população e promover a erradicação de miséria”, disse Marry. No último ano, a FAS atendeu 7.000 famílias no programa Família Curitibana, outras 223.123 participantes em ações de geração de trabalho e renda nos Liceus de Ofício, 142.623 famílias cadastradas no CadÚnico; uma média de 1.500 pessoas em situação de rua com atendimento especializado.


3

Santa Cândida a Padroeira do bairro Seu Nome vem do latim “candidus” que significa pura,inocente,imaculada. Seu mito e sua história estão para nós envoltos em um véu visto que pouco sabe deles. Sabemos que a nossa Santa Cândida foi martirizada nos primeiros tempos do cristianismo durante as perseguições dos imperadores romanos. Por vota de 817 a 824 seu corpo foi transferido pelo Papa Pascoal 1º das catacumbas para a igreja de Santa Praxedes em Roma. Nesse local seu nome está numa inscrição, do tempo que Pascoal 1º ainda era vivo, junto com o de outros mártires ali sepultados. Comemorase no dia 29 de Agosto Como a Imagem de Santa Cândida chegou a Curitiba Santa Cândida foi a primeira colônia a ser fundada pelo presidente de província Dr. Adolpho Lamenha Lins. Não mediu esforço,logo de início,em dotar a colônia de uma capela para o culto religioso dos colonos.Inaugurada no dia 06 de janeiro de 1877,com a organização de uma procissão,partindo a pé de

Curitiba,com cerca de 2.000 eira visto apresentar uma data de fefiéis,inclusive o próprio presidente licidade para Lamenha Lins e os Coda província com sua lonos Polacos. Dois Hinos foram esposa,conduzindo a imagem de compostos em sua homenagem e duas orações são S a n t a a ela Cândida,talhada dedicadas.Suas em cedro, doada festas sempre fopor Dom Pedro 2º ram antecedidas que a adquiriu em de intensa prograLisboa, Portugal. m a ç ã o Não se sabe ao religiosa,eram certo por que esnovenas a cargo colheram Santa de diferentes moCândida para ser a vimentos religiopadroeira da então sos tais como: das Colônia de mesmo crianças, das filhas nome. Podemos de Maria, dos imaginar que a Marianos. chegada aqui dos Nas crônicas primeiros imigrando Padre Wislinski tes polacos em fins há um relato basde Agosto de 1875 Fotomontagem: tante interessante provavelmente no dia de Santa Cân- Alex Sandro da Costa Moreira sobre a festa da padroeira do dia dida aliado ao fato do filho do Presidente da Província 29 de agosto de 1944. Conta ele que Lamenha Lins nascido em 29 de ao contrário dos anos anteriores Agosto e mais o nome de sua se- ,quando a festa era realizada no úlgunda esposa,tenham contribuído timo domingo de Agosto,naquele para adotar esta Santa como Padro- ano ficou combinado,coma a comis-

são da igreja,dar maior atenção ás celebrações espirituais,já que não havia muita necessidade de dinheiro.Não Houve música,nem baile,como de costume,mas muita oração, novena e adoração ao Santíssimo Sacramento, pedindo chuvas,visto que os poços estavam secos,os pastos queimados e o gado morrendo de fome e sede. Além dessa desgraça local, o mundo amargava o 5º ano da 2ª Guerra Mundial. No domingo,dia 27, houve a missa das 10 horas,com sermão e adoração do Santíssimo Sacramento prolongou-se até as 3 horas da tarde, hora em que começava a novena. Assim a comunidade passou o domingo em oração... Na noite de 28 para o dia 29,quase que de repente, o céu de Santa Cândida cobriu de nuvens, trovejou e choveu por toda a noite. Ninguém lamentou a falta da festa interna. Os fiéis sentiram muito agradecidos a Deus e a Santa pelo atendimento de suas súplicas. Fonte: Boletim Informativo da Paróquia Santa Cândida

Feiras das praças Osório e Santos Andrade começam nesta quinta Começam nesta quinta-feira as Feiras Especiais da Primavera, nas praças Osório e Santos Andrade, no Centro. As feiras terão duração de 15 dias e vão até 11 de outubro. Nos dois endereços, os artesãos oferecerão grande variedade de produtos inspirados na nova estação do ano, além de sugestões de presentes para o Dia das Crianças. Realizadas há 18 anos, as feiras especiais são uma boa opção de compras e um agradável passeio para turistas e curitibanos. “Curitiba é um polo de referência em atividades culturais e nosso artesanato é reconhecido pela sua diversidade e qualidade”, diz a presidente do Instituto Municipal de Turismo, Juliana Vosnika. Na praça Osório, serão 60 barraquinhas — 20 de alimentação e as demais de produtos artesanais e culinários. A feira estará aberta diariamente, das 10h às 21h.

Na Santos Andrade, a feira funcionará todos os dias, das 10h às 20h, com 20 barracas - seis de gastronomia e as demais de artesanato culinário e geral. Produtos - O consumidor poderá encontrar opções de roupas com estampas florais e fabricadas com tecidos leves, objetos artesanais feitos com materiais criativos e ainda brinquedos educativos vendidos a preços mais baixos que no comércio convencional. O visitante também poderá saborear alimentos típicos de diversos países, além de pastéis, crepes e derivados do milho nas barraquinhas que da praça de alimentação da feira da Osório, localizada em torno do chafariz da praça. Os produtos vendidos nas feiras

foram aprovados por uma comissão especial integrada por representantes da Prefeitura e dos artesãos. A seleção foi feita com base em critérios como qualidade, acabamento e originalidade dos produtos.

Serviço: Feira da Primavera De 27 de setembro a 11 de outubro Praça Osório - das 10h às 21h Praça Santos Andrade - das 10 horas às 20 horas


4

Fim de uma Era: a queda de Derosso Curitiba tinha deixado claro, quando as denúncias começaram contra o mau uso do dinheiro público na Câmara Municipal de Curitiba: não havia condições para João Claudio Derosso continuar como Presidente e mesmo como vereador de Curitiba. Não foi fácil para quem esperava continuar uma dinastia ou mesmo vôos mais altos na política curitibana: queria ser o manda-chuva da capital. Tentou de tudo para manter-se no cargo e até evitar sua condenação política, mas não foi feliz - o Tribunal Regional Eleitoral por unanimidade não deu chances a Derosso. Primeiro foi a saída da Presidência da Câmara Municipal para sair dos foco das denúncias feitas pelo Ministério Público do Paraná e da imprensa. Depois uma saída do PSDB para tentar não ser punido pelo partido que o abrigou durante anos. Não é possível pois a lei partidária é clara: quem sai do partido é punido com a perda do mandato. E a suplente dele, Maria Goretti David Lopes, enfermeira do setor público de saúde, não o teme e entra com ação de perda de mandato por infidelidade partidária no TRE do Paraná.

Maria Goretti assume a cadeira de Vereadora na Câmara Municipal Maria Goretti consegue vitórias contra “Era Derosso” A enfermeira Maria Goretti consegue uma liminar do juiz Luciano Carrasco, através de seu advogado Leandro Souza Rosa, pela chamada tutela antecipada e que determina em 28 de junho a sua posse em até 10 dias, o que ocorreu no dia 7 de julho, num sábado. Não pensem que João Claudio Derosso não esperneou: foram muitas entrevistas atacando a todos e principalmente vários mandados de segurança e liminares pedidas no TRE e Tribunal Superior Eleitoral,

em Brasília. Foram 7 vitórias de Maria Goretti nos tribunais eleitorais, tornando-se a sétima mulher como vereadora. Até que no dia 28 de agosto de 2012 (sessenta dias após a liminar): todos os juízes do TRE dão a vitória para a enfermeira que não teve medo em processar o então todopoderoso manda chuva da Câmara Municipal de Curitiba.

um mandato ético,competente e de respeito ao cidadão, apresentou, em pouco mais de dois meses, seis projetos de interesse dos curitibanos, além de se empenhar, pessoalmente, pelo decreto e regulamentação da isenção de ICMS na aquisição de veículos novos para mulheres e homens que passam pela retirada da mama (mastectomia). Um dos projetos apresentados pela nova vereadora propõe a alteração na Lei 13.620/2010 (que instituiu o potencial construtivo relativo ao Estádio Joaquim Américo). Maria Goretti quer a inclusão de dois artigos que obriguem os beneficiários do potencial construtivo a investirem parte do valor ou quotas em cultura, saúde, esporte e inovação científica. Outro já foi aprovado por unanimidade na Câmara, foi a moção para que Curitiba faça parte das cidades que receberão jogos de futebol nas eliminatórias das Olímpiadas de 2016, já que estava fora do anúncio da Autoridade Pública Olímpica. Metrô

Começa a renovação da Câmara Municipal de Curitiba Maria Goretti, assumiu com o compromisso de iniciar a renovação na Câmara Municipal, desempenhar

As obras do metrô também preocupam a vereadora, que apresentou proposta para criação de Comitês de Vizinhança. Esses comitês, formados por moradores e empresários do entorno da obra, principalmente das treze estações de embarque, fariam a fiscalização sobre o andamento da construção, barulho, tráfego e outros assuntos pertinentes. “A formação de comitês está previsto em outra lei que trata de grandes eventos e me parece que nenhum será maior do que a obra do metrô”, afirma. A vereadora pediu informações da Prefeitura sobre o projeto de reutilização das pistas exclusivas do transporte coletivo, as canaletas, após a implantação do metrô. “O projeto do metrô prevê apenas o fim das canaletas, que seriam transformadas em áreas exclusivas de pedestres e lazer, o que impedirá o uso por exemplo de veículos de urgência e emergência, bombeiros ou carros de polícia em toda a extensão da extensão da Linha Azul”, analisa Maria Goretti.


5

Abraço na Sanepar reúne mais de 3 mil empregados em todo o Paraná Empregados da Sanepar em todos os 345 municípios atendidos pela empresa no Paraná participaram na manhã desta quinta-feira de manifestações em defesa da companhia, que vem sendo alvo de ações policiais, aparentemente com o único objetivo de desgastar a imagem de bons serviços construída ao longo de meio século de história. Em Curitiba, 800 empregados abraçaram o prédio da sede da Sanepar, no bairro Rebouças. Em Cascavel, a manifestação reuniu 400 empregados. Em Londrina, participaram 300 pessoas; em Maringá, 500, em Guarapuava, 200; em Foz do Iguaçu, 200, em Ponta Grossa, 300. Também ocorreram manifestações em outras cidades. Todos os 7.000 empregados da Sanepar no Estado participaram das atividades e usaram uniformes e roupas azuis, a cor da empresa. A manifestação foi organizada por associações de empregados, de aposentados e sindicatos. “Estamos ofendidos pela forma truculenta e desnecessária como a empresa e seus empregados foram tratados. Os dados e todos os esclarecimentos poderiam ser obtidos sem humilhar os trabalhadores. Que direito tem alguém que não é do setor, e que, portanto, não conhece o saneamento, de instalar a insegurança entre a população?”, afirmou o presidente do Conselho da Associação dos Profissionais Empregados da Sanepar (Apesan), Domingos Budel. “Aos nossos clientes asseguro: nossa água tem segurança e não poluímos o meio ambiente. Conheçam o processo primeiro, se informem e conversem antes de assustar os paranaenses.” Para o presidente da Advesane (associação que representa os advogados), Paulo Azzolini, “se engana quem fala mal dos saneparianos”. “É uma irresponsabilidade falar mal da Sanepar, uma instituição que está presente na vida dos paranaenses desde a primeira mamadeira, que deve ser preparada com água tratada. Nossa empresa cheira a saúde. Venham conversar conosco para entender o absurdo que estão fazendo com esta empresa que é orgulho para todos os paranaenses. Nós temos orgulho do trabalho que executamos

24 horas por dia”, disse. O sanepariano Edgard Faust Filho, presidente da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes-PR), informou que a entidade nacional presta solidariedade aos profissionais da Sanepar, reconhecidos por todo o Brasil pelo alto nível técnico e pela excelência dos serviços que prestam ao saneamento do Paraná e do País: “Os sanepariamos estão sendo vítimas de uma ação oportunista, que não aceitamos”. O presidente das Fundações Sanepar, José Luiz Taborda Rauen, reiterou que a Sanepar, assim como a Copel e outras empresas, contribuí para o desenvolvimento do Estado. “Temos orgulho do nosso trabalho e garra para vencer os desafios. Não aceitamos as infâmias que tentam nos imputar”, disse; O presidente da Assesa (Associação dos Empregados da Sanepar),

Hamilton Gimenes, disse que este é um “momento de angústia, ansiedade e repúdio”. “Somos 7 mil trabalhadores que cuidam da saúde de mais de 10 milhões de pessoas. Não aceitamos o ataque de um delegado raivoso que classificou a nossa empresa como de ‘fachada’. Não somos de fachada. Trabalhamos 24 horas por dia, utilizando a melhor técnica para o saneamento. Quando foram feitas aquelas imagens? Foram capturadas na surdina e maquiadas, como se a Sanepar fosse responsável por toda a poluição dos rios. Nenhum empregado da Sanepar joga sofá, mesa, cadeiras ou lixo no Iguaçu. Mais respeito com quem cuida da saúde do Paraná”, protestou. O que disseram outros empregados “Em todos esses anos nunca vi nada igual (referindo-se à ação po-

licial). Foi pura politicagem. Fiquei indignada com a ação.” Ana Vera Otto, agente técnica administrativa, 25 anos de Sanepar. “Estou aqui porque conheço a história da Sanepar e conheço a história dos homens. Não admito que se desonre a história da Sanepar dessa forma.” Zair Schuster, aposentado, trabalhou na Sanepar por 22 anos. “A ação policial foi fora de propósito, sem razão e arbitrária. Esse abraço é um ato carinhoso para nossa empresa, que respeitamos e admiramos”. Conceição Ferraz de Campos, técnica administrativa, 21 anos de Sanepar “A polícia agiu com total falta de respeito para com a Companhia e com seus 50 anos de trabalho. Foi uma infeliz declaração do delegado e que só prova o desconhecimento da atividade da empresa. Temos uma missão e visão bem clara do nosso trabalho para com a população paranaense. Este abraço mostra a indignação e a solidariedade para com a nossa empresa”. Antonio Rodrigues Kunze, agente técnico de operação, 12 anos de empresa. “A Polícia Federal foi exagerada em sua ação e mexeu sim com o orgulho dos empregados. Com esse abraço estamos demonstrando a união e indignação dos saneparianos”. Marcelo Dalcul Depexe, engenheiro civil, há 6 seis anos na Sanepar. “Esta é uma ação, entre outras, para ratificar nossa absoluta indignação com as declarações da polícia.” Charles Carneiro, engenheiro, 11 anos na Sanepar. “Estou aqui para mostrar que a Sanepar não é qualquer empresa. São 50 anos de trabalho. Antes de falarem qualquer coisa sobre a Sanepar, é preciso conhecer a empresa.” Leonardo Viercinski, agente comercial de campo, há 7 meses na Sanepar. “Abraço com carinho a Sanepar para exigir respeito, pois respeitamos a população quando buscamos a melhoria contínua nos processos e adotamos soluções técnicas que preservam o meio ambiente. Tenho orgulho por me dedicar a Sanepar nestes 22 anos de trabalho.” Rosa Maria Saunitti, engenheira civil.


6


7

Governo investe mais R$ 35 milhões em melhorias na área da educação O governo vai investir R$ 19,4 milhões na compra de mobiliário para escolas da rede pública estadual no interior do Estado. Serão adquiridas 110 mil carteiras e cadeiras para alunos e 10 mil mesas e cadeiras para professores. O investimento foi liberado esta semana pelo governador Beto Richa, que também autorizou recursos para reparos e abertura de licitação para a construção de duas escolas. No total, serão aplicados R$ 35 milhões na área da educação. As obras de reparos autorizadas esta semana beneficiarão quatro escolas estaduais da região Oeste: Cascavel, Vera Cruz do Oeste, Capitão Leônidas Marques e Corbélia. Serão investidos R$ 5,3 milhões em serviços elétricos, hidráulicos, manuten-

ção de coberturas, pisos e esgoto. Em Jesuítas, também na região Oeste, serão aplicados mais R$ 760 mil em reparos na estrutura do prédio do Colégio Estadual Humberto de Alencar Castelo Branco. "Ter escolas bem conservadas e com mobiliário adequado também é uma forma de estimular professores e alunos e melhorar a qualidade do ensino, prioridade absoluta da nossa gestão”, disse o governador. CONSTRUÇÃO – O governador também autorizou a abertura de processos licitatórios para a contratação de serviços de engenharia para a construção de duas escolas, no valor total de R$ 9,4 milhões. Em Colorado, região Noroeste, serão investidos R$ 7,2 milhões na

construção de um Centro de Educação Profissional. O outro investimento é para a nova unidade da Escola Estadual Indígena Pindoty,

na Ilha da Cotinga, em Paranaguá, no Litoral, com custo previsto de R$ 2,2 milhões. A obra deverá ficar pronta 360 dias após o início.

Dica de saúde Quer evitar tornar-se um Alzheimer? Torne sua vida produtiva, pratique sem cessar o perdão e a caridade com muito esforço e inteligência. Muito mais há para ser analisado e discutido sobre este problema evolutivo que promete nos visitar cada dia mais precocemente. Além das dúvidas que levantamos, esperamos que os interessados não se furtem ao saudável debate. “O desapego é necessário para o crescimento espiritual.” E aqui fica a célebre frase de todo doente de Alzheimer: “Quero voltar para minha casa” Que casa seria esta?


8

Idosos: legislação pune abandono ou maus tratos Atualmente são muitos os casos de abandono ou maus tratos de idosos, geralmente praticado por parentes. Em uma sociedade capitalista moderna, o idoso – quando não tem uma ótima renda – é visto como um peso a mais para os familiares. O Estado tem tomado algumas decisões corretas no sentido de proteger os idosos, mas depende diretamente da família atender as necessidades mais imediatas. Nos países asiáticos e orientais, o idoso é visto como uma pessoa sábia, que dá conselhos e orienta a família, sendo venerado e respeitado até o fim de seus dias. A atuação do Ministério Público na proteção dos direitos do idoso, tem dado ênfase aos direitos consagrados na Constituição da República Federativa do Brasil, de 1988; na Política Nacional do Idoso, de 1994; e no Estatuto do Idoso, de 2003. Além das atribuições previstas ao Ministério Público nesta área, através da Constituição da República Federativa do Brasil, Lei Orgânica Nacional do Ministério Público, analisa-se alguns instrumentos utilizados pelo Ministério Público na proteção dos direitos do idoso como: a Medida de Proteção, que poderá ser determinada pelo Promotor de Justiça ao verificar ameaças ou violações ao direito do idoso; a Ação Civil Pública, que será ajuizada quando o assunto versar sobre interesses difusos ou coletivos dos idosos; a Transação de Alimentos, que será celebrada e referendada pelo

Nos países asiáticos e orientais, o idoso é visto como uma pessoa sábia, que dá conselhos e orienta a família, sendo venerado e respeitado até o fim de seus dias.

Promotor de Justiça, passando o termo de compromisso a ter efeito de título executivo extrajudicial; e a fiscalização das entidades governamentais e nãogovernamentais que abrigam idosos em caráter asilar. Em tempo, destaque-se que o Ministério Público desempenha um papel cada vez mais relevante na plena concretização dos direitos do idoso. Foi através da CRFB/88, que essa Instituição, bem como o direito do idoso, ganharam mais espaço e força no ordenamento jurídico brasileiro. Ao perceber que um idoso está sendo mal tratado ou abandonado por familiares, a autoridade policial ou o Ministério Público devem ser acionados, e os filhos irão a julgamento na Justiça por suspeita de crime de abandono de incapaz, podendo ser levados à prisão se constatarem violações da legislação em vigor. No Paraná existe o DisqueIdoso Pode-se acessar o serviço através do número 0800-410001, ou pelo e-mail disqueidoso@setp.pr.gov.br, funcionando nos dias úteis das 08:30 às 12:00 e das 13:30 às 17:30. O Serviço facilita o acesso ás informações sobre os mais diversos assuntos relacionados ao idoso no âmbito do Estado. Os crimes e agressões mais comuns a idosos no Paraná são maus tratos, agressões verbais e psicológicas, negligência ou abandono por parte da família ou cônjugue, apropriação indevida de cartão de benefício ou cartão bancário, agressão física, cárcere privado e ameaças de morte.

CUIDADORA DE IDOSOS Com refêrencia e 12 anos de experiência, com disponibilidade noturno 9980 - 3530


9

Faça o cartão transporte em Ruas da Cidadania Usuários que ainda não têm cartão transporte podem fazê-lo diretamente na Urbs – na ala ferroviária, ao lado do Centro de Controle Operacional (CCO) – ou nos postos de atendimento nas Ruas da Cidadania Boa Vista, Boqueirão, Matriz, Pinheirinho e Portão e também no posto avançado, no Tatuquara. Quem utiliza o cartão transporte não precisa se preocupar com dinheiro ou aguardar o troco, além da possibilidade de compra de crédito antecipada, de acordo com a necessidade. Além disso, quanto maior o uso do cartão, menor o volume de dinheiro circulando no sistema o que é também uma medida de segurança. Atualmente, o cartão utilizado em 55% dos deslocamentos na Rede Integrada de Transporte. Por dia, são 2,3 milhões de passageiros transportados. A primeira via do cartão é gratuita e feita na hora – de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 17h, bastando ter em mãos um documento de identificação original com foto, CPF e comprovante de endereço. A emissão da segunda via custa atualmente R$ 13,00, o equivalente a cinco tarifas de R$ 2,60. Para fazer o cartão, não é necessário morar em Curitiba. O cartão pode ser feito por pessoas que morem em qualquer lugar, no país ou no exterior. Para carregar créditos no cartão o cidadão pode procurar a sede da Urbs, na Rodoferroviária onde cada atendimento dura em média um minuto, ou utilizar a internet com emissão de boleto que pode ser pago na rede bancária. Uma vez adquiridos, os créditos são carregados automaticamente – até 72 horas depois no caso do pagamento na rede bancária. Para saber mais sobre o cartão transporte acesse www.urbs.curitiba.pr.gov.br O que é o Cartão Transporte? É um cartão eletrônico inteligente (smart card), de uso pessoal, não descartável, que armazena créditos de passagens a serem utilizados pelos usuários no sistema de bilhetagem eletrônica da Rede Integrada de Transporte – RIT. Quais as vantagens do sistema de bilhetagem eletrônica? Maior segurança nos ônibus, estações

O primeiro Cartão Transporte é fornecido gratuitamente pela URBS. A segunda via equivale ao valor de cinco tarifas vigentes e correrá por conta do titular do cartão. O que é função limitante de utilização diária do Cartão Transporte? Para minimizar ou evitar prejuízos nas ocorrências de perda, roubo ou extravio do Cartão Transporte, até o momento do seu bloqueio, o usuário deverá optar por um limite diário de utilização do cartão. Em outras palavras, o usuário tem a escolha de estipular até no máximo 10 (dez) créditos que poderão ser utilizados por dia em seu cartão.

tubo e terminais em virtude da redução do volume de dinheiro e vales circulantes; Redução no tempo de embarque uma vez que o cobrador não precisará recolher o vale-transporte; Agilidade e segurança nos procedimentos de compra e distribuição do benefício do vale-transporte pelas empresas; Garantia do uso do benefício do valetransporte dentro de sua real função; Facilidade de aquisição de créditos pela internet Possibilidade de limitar a quantidade de utilização diária do Cartão Transporte; Possibilidade de bloqueio do cartão com a recuperação dos créditos não utilizados. Como faço para obter o Cartão Transporte?

GRATIDÃO Caros amigas e amigos É com muito respeito que venho, mais uma vez, agradecer, de coração, a todas as pessoas que nos ajudaram nessa empreitada. Agradecer a minha família e meus colaboradores que sempre me auxiliaram: sem vocês eu jamais teria força e coragem para chegar nessa reta final com a convicção de que nós fizemos um bom trabalho juntos! Cada um de vocês, que durante a minha campanha para vereador de Curitiba, estiveram ao meu lado me fortalecendo para continuar firme nesta caminhada, que agora chega ao seu final. Sei o quanto foi importante para o meu conhecimento estar aprendendo a lição através das experiências encontradas em você eleitor. O meu objetivo maior nesta hora é mostrar a minha gratidão para com todos e pedir que nestes últimos

Os Cartões Transporte podem ser obtidos nos postos de atendimento da URBS na Rodoferroviária, nas Ruas da Cidadania (Boa Vista, Boqueirão, Matriz, Pinheirinho e Portão) e na Unidade de Atendimento Tatuquara. O usuário deverá trazer seu documento de identificação original com foto, CPF, um comprovante de endereço e fornecer informações para preenchimento de um cadastro. Não é necessário tirar foto e o cartão é emitido no momento do cadastro. Menores de idade deverão estar acompanhados dos pais ou responsável legal, apresentando documento de identificação original com foto de ambos. O Cartão Transporte é um documento pessoal e não é descartável. Quanto custa o Cartão?

momentos possamos estar juntos em busca da vitória, que não será minha, mas de todos nós curitibanos. Com meu pai, o ex-governador Orlando Pessuti, aprendi o quanto é importante ser ético na vida pública e tenho a humildade de informá-lo que, assim como ele, também vou estar honrando cada voto recebido, cada apoio me dado para que eu possa chegar a ocupar uma das cadeiras no legislativo municipal. Vou trabalhar não só em favor de uma área geográfica, mas para toda cidade de Curitiba, pois entendo que um legislador é eleito pelo povo e para o povo ele tem a obrigação de estar zelando e trabalhando, para que a qualidade de vida de todos possa ser cada dia melhor. A hora é agora! Nesta reta final de campanha, eu quero agradecer novamente a todas as pessoas que

Onde estão localizados os postos de atendimento da URBS? Os postos de atendimento da URBS estão localizados na Rodoferroviária e Ruas da Cidadania, nos endereços a seguir: URBS/RODOFERROVIÁRIA - AV. PRESIDENTE AFFONSO CAMARGO, 330; MATRIZ - PRAÇA RUI BARBOSA; BOA VISTA - AV. PARANÁ, 3600 PRÓX. POSTO DE SAÚDE 24H DO BOA VISTA; BOQUEIRÃO - TERMINAL DO CARMO; PINHEIRINHO - TERMINAL DO PINHEIRINHO; PORTÃO - TERMINAL DO FAZENDINHA; UNIDADE DE ATENDIMENTO TATUQUARA - RUA PERO VAZ DE CAMINHA, 560 - TATUQUARA.

contribuíram para que essa luta coletiva tenha êxito nessa árdua tarefa de se deslocar pelos cantos de Curitiba, divulgando uma luta de quem quer e almeja trabalhar para melhorar a nossa cidade e a vida de todos. Quero agradecer a você, eleitor, que no próximo dia 7 de outubro confirmará não somente o voto no 20130, mas também a certeza de que é na luta em favor da população que você acredita! Obrigado e que Deus os iluminem! Bruno Pessuti


10

Filme contra muçulmanos foi produzido pelos governos dos EUA e Israel Não há mais nenhuma dúvida de que o filme medíocre “A inocência dos Muçulmanos” dirigido por Sam Bacile, agente do Mossad, contou com apoio e patrocínio dos governos dos EUA e Israel, com a supervisão do cineasta e filósofo francês sionista Bernard Henri Levy. O filme é uma estratégia da CIA e do Mossad (serviço secreto de Israel) para insuflar manifestações em todos os países muçulmanos, fomentar atentados terroristas e culpar o Irã, para que Israel desfeche um ataque aéreo contra a República Islâmica, levando os Estados Unidos da América a se envolver na guerra pela conquista de setores estratégicos naquela região. O escritor, cineasta e filósofo francês judeu-sionista Bernard Henri Levy apresentou em Cannes no ano passado o documentário sobre a guerra na Líbia “O Juramento de Tobruk”, para tentar justificar perante a opinião pública mundial a guerra de ocupação da Líbia por potências ocidentais. Bernard Henri Levy atuava como assessor no governo de Nicolas Sarkozy, defendendo políticas pró-Israel e atacando pela im-

prensa os povos árabes, especialmente os muçulmanos. Hoje ele trabalha defendendo os mercenários e traidores sírios que tentam derrubar

o governo de Bashar Al Assad, ocupando espaço com entrevistas mentirosas e artigos pusilânimes publicados na imprensa ocidental. A foto acima é pequena, mas as três pessoas nela são, da esquerda para a direita: Chris Stevens (embaixador norte-americano morto em Benghazi), Sam Bacile, diretor do filme contra Maomé e Bernard Henri Levy. A fotografia documenta a reunião entre eles para decidir sobre a produção do filme que promove guerra religiosa, para favorecer a indústria bélica norte-americana e os projetos expansionistas de Israel e Estados Unidos, às custas do derramamento de sangue de milhares de inocentes. www.marchaverde.com.br

Apoiador da Causa Palestina e do Movimento dos Sem Terra

Banana combate o câncer De acordo com a Japanese Scientific Research, bananas completamente maduras com manchas escuras na casca produzem uma substância chamada TNF (Factor de Necrose Tumoral), que tem a capacidade de combater células cancerosa. As manchas quanto mais escuras maior será sua qualidade reforço da imunidade. Assim, quanto mais madura a banana melhor a qualidade anticâncer. As bananas com manchas escuras são até 8 vezes mais eficazes no aumento da propriedade de glóbulos brancos

do que a versão de casca verde. Na Ásia a banana é chamada de “fruta dos sábios”, porque combate doenças cerebrais e envelhecimento. Comer de 1 a 2 bananas por dia aumenta a imunidade contra doenças como gripes, resfriados, conjuntivites e outras.


11 COMPRANDO UM REVÓLVER Uma loira estava preocupada, pois acha que seu marido está tendo um caso. Foi até uma loja de armas e comprou um revólver. No dia seguinte, ela volta para casa e encontra seu marido, na cama, com uma morena espetacular. Ela aponta, então, a arma para a própria cabeça. O marido pula da cama, implora e suplica para que ela não se mate. Aos berros, a loira responde: - Cale a boca, cretino. Você é o próximo! o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o NA PRAIA Uma loira está deitada na praia, com um bronzeado espetacular, a ponto de chamar a atenção. Uma mulher interessada chega perto e pergunta: - Por favor, qual o seu protetor? - São Francisco de Assis. o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o PEDINDO UMA PIZZA A loira pede uma pizza pelo telefone. A atendente da pizzaria pergunta: - A senhora quer que eu corte em quatro ou em oito pedaços? E a loira: - Em quatro, por favor! Eu jamais agüentaria comer oito pedaços. o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o ABRINDO UMA LATA DE CERVEJA A loira estava abrindo uma lata de cerveja com um abridor de latas. A amiga criticou: - Pra que isso??? É só puxar o lacre!!! E a loira, com cara de sabida: - É, mas isso é pra quem não tem abridor. o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-oo-o-o-o-o-o SEI LÁ... Durante o jantar, a patricinha anuncia para toda a família. - Mamãe... papai... estou grávida! - Como?! - pergunta o pai, embasbacado. - Estou grávida! - E quem é o pai? - pergunta a mãe, atônita. - Eu sei lá! Vocês nunca me deixaram namorar firme! -o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-oNO ÔNIBUS Num ônibus superlotado, uma mulher volta-se para um passageiro inconveniente: - O senhor quer fazer o favor de desencostar e afastar essa coisa volumosa que me está a incomodar?! - Calma, minha senhora. Não é o que está a pensar. Este volume é o dinheiro do vencimento que recebi hoje.

Enrolei num pacote e pus no bolso esquerdo das calças. - Ah! Então o senhor deve ser um funcionário exemplar! - Por que? - É que desde o embarque até aqui, o senhor já teve três aumentos salariais... o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o Com menos de um mês de casada, a filha única chega à casa da mãe, toda roxa: - Oh! Mamãe, o Zecão me bateu! - O Zecão? Eu pensei que ele estivesse viajando! - Eu também, mamãe! Eu também! o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o VELÓRIO No velório, o viúvo recebe o abraço dos amigos: - Meus pêsames. Ela vinha sofrendo há muito tempo? - Sim. Desde que nos casamos. o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o Q.I. A moça entra na delegacia e anuncia: - Acabo de ser violentada por um débil mental. - Como tem certeza que era mesmo um débil mental? - pergunta o delegado. - Certeza absoluta. Tive que ensinar tudo para ele. o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o QUARTEL A velhinha entra no quartel e vai direto para o escritório dos oficiais: - Capitão, eu vim visitar o meu neto, Sérgio Ricardo. - Ele serve no seu regimento, não é? - Serve, sim, mas hoje pediu licença para ir ao enterro da senhora. o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o EMPREGO O chefe de departamento de pessoal da empresa justificando para o jovem solteiro porque não vai contratá-lo. - Desculpe, mas nossa empresa só trabalha com homens casados. - Por quê? Por acaso são mais inteligentes e competentes que os solteiros? - Não, mas estão mais acostumados a obedecer! o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o

Maradona encontrou Amy Winehouse no aeroporto, um mês antes dela morrer. O argentino cumprimentou a cantora, e disse: - Amy!!! Minha heroína!!! Ela respondeu: - Maradona!!! Meu crack!!! o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o Com deficientevisual não se brinca O ceguinho chegou no restaurante, e pediu um cardápio em braile. O garçom, desculpando-se, disse que não tinha. O ceguinho falou: - Não faz mal, me traz uma colher suja da cozinha para eu provar a comida.. O garçom achou estranho, mas atendeu ao pedido.

Pegou uma colher usada na cozinha, e deu ao ceguinho. Este lambe a colher e comenta:Hummm, ótimo tempero. Camarão, com arroz à grega, pode me trazer esse prato mesmo. No dia seguinte, a mesma coisa: - Hummm, strogonof de frango, batata frita, pode trazer esse prato mesmo. Passou-se uma semana, sempre a mesma coisa, o ceguinho pedia a colher e dizia o prato. O garçom, querendo sacanear o ceguinho, resolveu aprontar. No outro dia, quando o ceguinho chegou e pediu a colher, o garçom pegou uma colher e chegou pra cozinheira, que aliás é sua esposa: - Margarida, eu tô a fim de aprontar pro ceguinho. Pega essa colher e passa aí na perseguida... A cozinheira atendeu ao pedido, e o garçom levou a colher pro ceguinho. Este colocou a colher na boca, pensou um pouco e falou: - Ah, você tá de sacanagem!!! Não vai me dizer que a Margarida trabalha aqui?


12

A história do Esporte Clube Bacacheri Um grupo de novos sócios do Esporte Clube Bacacheri, sucessor do antigo e tradicional Bacacheri Atlético Clube e posterior Bacacheri Clube de Campo, se reuniu para aprovar a possível venda do imóvel do Clube. A velha guarda pergunta por nosso intermédio: Qual será o comprador e o que será feito do atual patrimônio? Lembramos que naquele populoso bairro já existiram clubes de futebol que encerraram suas atividades, dando lugar para o desenvolvimento imobiliário: o próprio Bacacheri, Rosenau, Boa Vista, Tinguí, e o extinto Corinthians do Bacacheri, que aos domingos em seus festivais, auto-falantes anunciavam em alto e som: “Corinthians jogando, torcida vibrando”. Que saudade dos velhos tempos! Muitos times de futebol deram lugar a clubes apenas sociais, como o Universal, Seminário, Operário Mercês, Real. Operário do Ahú, Olaria, Primavera, Morgenau, Batelzinho, Camponês e outros. Hoje quando se fala numa possível venda do patrimônio do atual Esporte Clube Bacacheri, sucessor do Bacacheri Atlético Clube fundado por Jovino do Rosário no dia 19 de maio de 1948, nos vem a lembrança a rica história daquele Clube que soube representar dignamente aquele populoso bairro com várias conquistas, e que encerrou as ativi-

dades futebolísticas no final de 1970, transformando em Clube de Campo no dia 30 de Setembro de 1974. Patrimônio Além de fazer treinamento no campo da Base Aérea, o Bacacheri utilizou em sua existência três pra-

que hoje está ameaçado de ser vendido para uma empresa imobiliária. Em sua história futebolística, que começou cm 1948 e terminou em 1970, o Bacacheri além de várias conquistas realizou inúmeras excursões. A maior delas aconteceu em viagem área para Maringá no ano de 1951. Passou invicto por União da Vitória e nunca perdeu para os times de Campo Largo: Internacional e Fanáticos.

CONQUISTAS Torneio IníTime do Bacacheri com o goleiro Tato (2º em pé), no cio: Campeão dia 19 de maio de 1957, no jogo intermunicipal em 1949,60,61 contra o Ipiranga de Palmeiras. e 64.Vice em ças de esportes. A primeira situada 1959,57 e 58. Nos campeonatos defronte a casa do seu fundador, oficiais foi vice da série em 1949 e onde hoje passa a Avenida Paraná. 1957 e vice geral em 1950,1952 e Ali aconteciam os famosos festivais 1967. Campeão do Torneio Walfrido esportivos. Em 1951 foi inaugura- do Rosário em 1951 e vice do Tordo o Estádio Jovino do Rosário, pal- neio Independência em 1949. Na caco de jogos oficiais até o ano de tegoria de aspirantes: Foi vice em 1959. Em 1961 aconteceu a inau- 1952,campeão em 1954 (feito inéguração do Estádio Walfrido do dito: 18 jogos e 18 vitórias), 1957 e Rosário, filho de Jovino e maior ar- 1964.Vice em 1965 e 1967. tilheiro na história do Clube. Local O então famoso auri-negro das

camisas quadriculadas teve como primeiro presidente Juve Canela dos Santos filio-se à Federação Paranaense de Futebol em 1949 e foi logo conquistando o Torneio iniciado numa jornada memorável no então Estádio Belfort Duarte enfrentando 17 fortes adversários. Protagonizou com o Operário do Ahú o famoso clássico dos aurinegros.O diretor Francisco Borges Machado (Tenente Machadinho ), pai do jogador Anjinho e o técnico Augusto Gil Cicero de Sá,sargento de Base Aérea levaram o novo time para treinar no campo interno da Base Aérea onde o time foi reforçado com jogadores da própria Base: Goleiro Tato (era motorista do comandante Arthur Carlos Peralta), sargentos: Mário Rosseto, Luiz Martins, Pascoal, Orlando e Romeu. Cabos Levi Mulfort e Miguel Jamal. Também o sargento Guedes do 20 RI reforçou o time que foi vice campeão da série numa decisão com o Bloco Morgenau. Como curiosidade: o Guedes já naquela época inventou o drible do elástico semelhante ao utilizado pelo craque Rivelino (tri-campeão da camisa 11 da seleção brasileira) Autor: Levi Mulfort Arquivo: Denis Barbosa da Silva


GAZETA SANTA CÂNDIDA EDIÇÃO EXTRA