Issuu on Google+

28 de FEVEREIRO de 2014 ANO 23 - Nº 791

Página 3 Jonas Oliveira/Arquivo/ANPr

Polícia Militar vai dispor de caminhão com tecnologia para conter excessos no carnaval

> Segurança PM começa operação carnaval 2014 no litoral Página 6. Página 3 João Senechal/PMC

Com o objetivo de melhorar a qualidade do serviço, profissionais das Escolas Municipais participaram esta semana do Curso de Capacitação Profissional

> Educação Coordenadores participam de uma semana de capacitação Página 4

> Matrículas Matrículas em creches teve maior procura em 2013

> Infraestrutura

Abel Scuissiato tem acesso interrompido pela BR 116

Com a interrupção da entrada devido ao início de obras na trincheira do Atuba, caminho alternativo pode ser feito pela Estrada Ribeira ou Estrada da Graciosa.

A

A Autopista Régis Bittencourt iniciou o conjunto de obras na BR116, com a construção de três trevos em desnível: no km 12,8 (Bairro Santa Monica), km 15,3 (Vila Zumbi) e km 17,5 (Trevo do Atuba). Neste trecho também serão implantados 14 quilômetros de ruas laterais que atenderão as cidades de Colombo, Quatro Barras e Campina Grande do Sul, com investimento previsto de mais de R$ 70 milhões. A conclusão da obra está prevista para o começo de fevereiro de 2015, e haverá melhorias tanto no acesso a estas cidades, como na segurança viária. Na rodovia existem faixas de sinalização entre o Posto Santa Marta, Posto Fagundes e Posto Consul, alertando os motoristas e usuários sobre os desvios de retorno do Trevo do Atuba. Como o acesso a Rua Abel Scuissiato está fechado para quem vem pela BR 116 sentido Curitiba, uma das opções de desvio é seguir pela 116,

Obras na trincheira do Atuba interrompem acesso da Abel Scuissiato pela BR 116

pegar a marginal da Estrada da Ribeira e entrar na Rua República Guarani, que leva até a Scuissiato. Outra alternativa é seguir pela lateral da 116, fazer o retorno no semáforo, entrar na Estrada da Graciosa

e continuar sentido trincheira do Atuba, é possível ainda voltar pela BR, no entanto como existe obras na Ponte do Rio Atuba, o tráfego segue em uma pista nesta região, o que em horários de pico é bastan-

> Irregularidade

MP abre ação contra ex-prefeito J. Camargo Página 3

> Assomec

Em reunião da Assomec, prefeitos apontam descontentamento com transporte coletivo Carlos Poly/Prefeitura de Araucária

Página 4

> Saúde Campanha contra às DSTs e Aids vai distribuir camisinha

Prefeitos querem maior participação nas decisões sobre o transporte coletivo

Página 3

Página 6

> Taça Paraná Bandeirantes se prepara para a Taça Paraná

Página 8

te congestionado. Para reforçar a orientação ao usuário, equipes da Autopista Régis Bittencourt estão na rodovia para informar as alternativas de tráfego até a conclusão dos serviços.

> Carnaval

Para quem não tem samba no pé, choro é opção no Conservatório de MPBPágina 7

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

> Denúncia Vereadores denunciam irregularidades em compra de material escolar

> Obras

Ginásio poliesportivo da escola Cristóvão Colombo fica pronto este ano

Página 4

> Quarentinha

Começo do Quarentinha é transferido

Página 8

> Psycho Carnival

Psycho Carnival vai embalar o carnaval de Curitiba

Página 7

> Editorial

Greve de interesses Página 2


Greve de interesses

N

enhuma outra greve, independente da categoria, consegue mobilizar tanto a cidade quanto a paralização de motorista e cobradores do transporte coletivo. Não há um setor sequer da economia que não seja afetado, o cotidiano se altera por completo e a cidade praticamente para. Conforme estimativa da Associação Comercial do Paraná (ACP) apenas no primeiro dia o comércio teve perdas de mais de R$ 150 milhões, quando a greve prejudicou mais de 2,3 milhões de passageiros da Rede Integrada de Transporte (RIT) da capital, que atende 13 municípios da região metropolitana Mas é claro, esses números não é um ataque contra a categoria, que tem todo o direito, assim como outros trabalhadores, de reivindicar por melhorias, desde que com a devida responsabilidade e não tenha jogo de interesses políticos envolvidos. Os trabalhadores pediam um reajuste de salário de 16% para motoristas e 22% para cobradores, além da manutenção da data-base em 1º de fevereiro. Os empresários disseram ser impossível esse aumento e ofereceram apenas os 5,26% da inflação, em acordo no Tribunal Regional do Trabalho (TRT). Com a negativa do sindicato patronal a magistrada, Ana Carolina Zaina, que conduziu a audiência, sugeriu o reajuste em 10,5% dos últimos dois anos e garantia de vale-alimentação de R$ 400 e abono salarial de R$ 300. Em assembleia, os trabalhadores aceitaram a proposta, no entanto em nova reunião o Sindicato das Empresas de Transporte Urbano e Metropolitano de Passageiros de Curitiba e Região Metropolitana (Setransp) não concordou e ofereceu no máximo 7,26% de aumento, o que equivale a 2% de ganho real, sem entendimento a negociação ficou para o dia seis de março. Desta forma continua valer a medida da Justiça, que determina a circulação de 50% da frota nos horários de pico e 30% nos demais horários. Embora seja justa a causa dos grevistas, é de se pensar se não haveria outro meio de pressionar os patrões por melhorias, é preciso repensar as alternativas existentes como forma de negociação, caso contrário sempre vai se usar a necessidade do outro para conseguir os efeitos necessários, no caso o usuário. Existem serviços essenciais para a sociedade, no qual é preciso ter total respeito com o próximo, ainda que por um curto espaço de tempo. O certo é que a greve jamais deveria acontecer nos moldes adotados pelos trabalhadores. Principalmente a categoria do transporte coletivo, um dos pilares para manter a cidade em funcionamento. Para ganhar respeito e apoio de todos, e justamente demostrar o benefício para a população, os ônibus deveriam circular de graça, sem a cobrança da passagem, talvez desta forma as reais necessidades fossem atendidas com maior rapidez e respeito, e não afetaria o maior interessado nesta questão, o cidadão. Contudo entraria o lado do empresário, que não aceitaria a alternativa, e a greve de interesses continuaria.

Diagramação: Exceuni - Aldemir Batista - 3657-2864 Impressão: Press Alternativa - 3047-4511

>

N

O

T

A

REQUIÃO PARA PRESIDENTE

Ontem o senador Roberto Requião (PMDB) anunciou em Plenário que vai se apresentar à convenção nacional do PMDB como candidato do partido à Presidência da República. Ele lamentou que os précandidatos para a disputa eleitoral de outubro não discutam um projeto de nação. "Governo e oposição não têm programa para o desenvolvimento brasileiro, com começo, meio e fim, com táticas e estratégias claramente definidas. Governo e oposição estão distantes de oferecer ao brasileiro um projeto de nação. Os partidos alinhavados às vésperas de cada eleição não podem ser considerados seriamente como projetos para o desenvolvimento brasileiro", enfatizou o senador. Para Requião não há proposta de mudança por nenhum dos lados, e os candidatos não se distinguem quanto aos pressupostos da política econômica. E acredita que existe outro caminho e o PMDB, que sempre é lembrado como o maior partido do país, não pode continuar abrindo mão de ser protagonista para atuar como coadjuvante do processo eleitoral. SUSPEITA O Ministério Público (MP) recebeu a denúncia dos vereadores Anderson Prego (PT), Professora Micheli (PT), Clodoaldo Camargo (PTN) e Hélio Feitosa (PSC) de que houve irregularidade nos pagamentos da licitação feita pela prefeitura de

>

B

PALÁCIO ABANDONADO Beto Richa e secretariado partiram nesta quinta (27) rumo ao exterior; só retornam daqui a dez dias; Palácio Iguaçu, sede do governo estadual, está completamente abandonado; nem parece uma gestão em crise, onde prevalecem protestos contra fechamento de sala de aulas, privatização da saúde e da Sanepar, falta de combustível para viaturas e ração para os cães da PM, enfim; dizem que o destino escolhido pelo tucano e entourage foi à terra do Mickey Mouse, portanto, se confirmado isso, pode-se afirmar que seu governo tem o "Padrão Disney". (deu no Blog do Esmael)

GLEISE AFRONTA BARBOSA A senadora Gleisi Hoffmann (PTPR) rebateu o presidente do STF, Joaquim Barbosa, pelas declarações a respeito da mudança no resulta-

Waldemir Barreto/Agência Senado

> Editorial

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

COLOMBO, 28 DE FEVEREIRO DE 2014

S

P

O

L

Í

T

Colombo na compra de artigo escolares. A prefeitura se defendeu e diz não haver nada de errado nos tramites, e que o material está no galpão do empresário, pois este ficou como fiel depositário do produto. AÇÃO Nesta semana o MP também pediu na Justiça que o ex-prefeito de Colombo e atual presidente da Comec, J. Camargo, ressarça a prefeitura em mais de R$ 2 milhões. Segundo MP havia um esquema na licitação para a aquisição de livros didáticos que direcionava para a vitória de uma empresa específica, o Ministério Público ainda solicita a suspensão dos direitos políticos do ex-prefeito por oito anos. DESCANSO O vereador Gilgera (PSDB) pediu aos adversários para deixar de protestar e deixar a prefeita Beti Pavin (PSDB) trabalhar que ela está no caminho certo. E ironizou dizendo estar feliz por encontrarem os tênis na empresa, caso contrário ele mesmo faria um pedido de informação. DE OLHO O vereador Clodoaldo Camargo (PTN) quer que uma comissão seja feita para fiscalizar a entrega do material escolar. FUNÇÃO A vereadora Professora Micheli (PT) deixou claro que se não havia fiscalização nos anos anteriores não é culpa dela, pois não era vereadora. NA ESPERA Hélio Feitosa (PSC) deu a entender que o pedido de informação não foi feito porque nunca se consegue, na Câmara aprovaram apenas dois, e disse ter dois pedidos feitos em outubro sobre

L

O

G

do do julgamento do mensalão para o crime de formação de quadrilha. Gleisi disse que Barbosa está colocando sob suspeita a escolha dos ministros do STF. "Quero lamentar as palavras do presidente na nossa Corte Suprema, Joaquim Barbosa, que, por divergir do resultado do julgamento, colocando em dúvida todo o processo de escolha dos ministros do STF e a respeitabilidade de grandes nomes do mundo jurídico, abre mão, naquela Corte, da argumentação jurídica e técnica para insinuar que o processo de escolha carece de seriedade e responsabilidade. Estaria também sua indicação sujeita a suspeição?", questionou. As informações são d'O Globo.

PT QUESTIONA FRUET Os petistas não perdoam o prefeito Gustavo Fruet que apoiaram e que agora enterra as expectativas com o caos e a greve so tranposte em Curitiba. Veja o que eles dizem:

I

C

A

02

S

<

funcionários e até hoje não recebeu a informação. FOLIA O governador Beto Richa (PSDB) aproveitou o feriado prolongado de carnaval para tirar uns dias de folga e anunciou a Assembleia Legislativa que ficará ausente do País até o dia 7 de março. O destino do governador não foi revelado. APROVADO Na última sessão também aprovado em primeira votação o projeto de Lei do vereador Gilgera que institui o Calendário Oficial de eventos e datas comemorativas no Município de Colombo. COMANDO Com 10 votos contra 8, o deputado paranaense Assis do Couto (PT) foi eleito presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara. Couto vai substituir Marco Feliciano (PSC-SP), o concorrente ao cargo era o deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ). Após a vitória ele declarou que "entender a diversidade e a pluralidade desse país é uma missão de todos nós. Isso sem perder o foco da defesa dos direitos humanos daquelas minorias que ainda têm seus direitos violentados, infelizmente", falou Couto. NA CONTA Nesta semana os deputados estaduais aprovaram o auxílio moradia para juízes e desembargadores do estado. A votação aconteceu em regime de urgência, com o plenário transformado em comissão geral, ou seja, sem a necessidade de o projeto passar pelas comissões temáticas. Desta forma os magistrados podem receber até R$ 4 mil mensais. Confira a lista dos deputados de votaram a favor e contra a o projeto de Lei do Poder Judiciário site da Fola, folhadecolombo.com.br.

S

<

MILTON ALVES PUBLICOU UM ARTIGO EM WORDPRESS. Cidade parada, população no sufoco. Fruet "mano duro" com máfia do transporte e seus agentes na Urbs. Congelamento e nova licitação é o caminho para um novo pacto na prestação do serviço público de transporte na capital e região metropolitana.…

ROBERTO ELIAS SALOMÃO O locaute das empresas de ônibus de Curitiba é um escárnio. Mesmo com todas as evidências de que esses empresários ganharam o serviço por meio de licitação fraudada, de que a tarifa é abusiva, de que o atendimento é péssimo, eles têm o desplante de mergulhar a cidade no caos. O sentimento de impunidade beira o inimaginável. Por mim, estavam todos na cadeia. (Blog do Fabio Campana)

BC aumenta juros básicos da economia para 10,75% ao ano Pela oitava vez seguida, o Banco Central (BC) reajustou os juros básicos da economia. Por unanimidade, o Comitê de Política Monetária (Copom) aumentou a taxa Selic (juros básicos da economia) em 0,25 pontos percentual, para 10,75% ao ano. Apesar da elevação, o BC reduziu o ritmo do aperto monetário. Nas últimas reuniões, o Copom vinha reajustando a Selic em 0,5 pontos percentual.

Em abril de 2013, o Copom iniciou um novo ciclo de alta nos juros básicos, depois de quase dois anos sem aumento, e elevou a Selic para 7,5% ao ano. Desde agosto de 2011, a taxa vinha sendo reduzida sucessivamente até atingir 7,25% ao ano em outubro de 2012, o menor nível da história. A Selic foi mantida nesse nível até março de 2013. A taxa Selic é o principal instrumento do BC

para manter a inflação oficial pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) dentro da meta estabelecida pela equipe econômica. De acordo com o Conselho Monetário Nacional (CMN), a meta de inflação corresponde a 4,5% (centro da meta), com margem de tolerância de 2 pontos percentuais, podendo variar entre 2,5% (piso da meta) e 6,5% (teto da meta). Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o IPCA acumulado em 12 meses estava em 5,59% até janeiro. O índice acumulado desacelerou após ter chegado

a 6,7% em junho e superado o teto da meta de inflação do governo. De acordo com o boletim Focus, pesquisa semanal com instituições financeiras divulgada pelo Banco Central, o IPCA encerrará 2014 em 6%. Por outro lado, o aumento da taxa Selic prejudica o reaquecimento da economia, que cresceu 2,4% até o terceiro trimestre do ano passado e ainda está sob o efeito de estímulos do governo, como desonerações e crédito barato. De acordo com o Focus, os analistas econômicos projetam crescimento de 1,67% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2014. A

estimativa foi reduzida pela terceira semana seguida. A taxa é usada nas negociações de títulos públicos no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic) e serve como referência para as demais taxas de juros da economia. Ao reajustá-la, o Banco Central contém o excesso de demanda, que se reflete no aumento de preços, porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Ao reduzir os juros básicos, o Copom barateia o crédito e incentiva a produção e o consumo, mas alivia o controle sobre a inflação.


03 COLOMBO, 28 DE FEVEREIRO DE 2014 > Irregularidade

MP requer que o ex-prefeito J. Camargo devolva dinheiro ao município

Ação pede o ressarcimento de danos por apontar irregularidades na licitação para a aquisição de livros didáticos. O ex-prefeito de Colombo e atual presidente da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec), José Antonio Camargo, é acusado de improbidade administrativa pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR). Segundo o MP, em 2005 a prefeitura beneficiou a empresa Sistema Educacional Família e Escola Ltda (Sefe) antigamente denominada BASE - Editora e Gerenciamento Pedagógico Ltda, em licitação de livros didáticos. Com isso apresentou ação civil pública de

ressarcimento de danos ao patrimônio público contra o ex-prefeito e contra a empresa. Conforme o promotor de Justiça Paulo Conforto, autor da ação, em 2005, o então prefeito, juntamente com o então secretário de Educação, Altair da Silva Leme (já falecido), direcionaram uma licitação para a aquisição de livros didáticos. "O esquema consistia na elaboração de um edital sob medida para beneficiar a empresa, sendo que eventuais

Ex-prefeito J. Camargo é acusado de improbidade administrativa

concorrentes seriam desclassificadas na análise prévia do material, feita pela Secretaria de Educação do município. O mesmo esquema de fraude à licitação teria acontecido em diversos municípios do Paraná, como Rio Azul, Campina da Lagoa, Palotina, Cornélio Procópio, Guamiranga, Marechal Cândido Rondon, Campina Grande do Sul, Castro, Mercedes, Matelândia, Irati, Imbituva e Jaguariaíva, entre outros", aponta o promotor.

Na época, a administração municipal pagou à empresa a quantia de R$ 1.684.643,00. Atualizado para os dias de hoje, esse valor corresponde a R$ 2.720.604,10, montante que o MP requer que seja devolvido aos cofres do município pelos requeridos. O MP solicita, ainda, que J. Camargo tenha seus direitos políticos suspensos por até oito anos. Também pede que a empresa Base Editora seja impedida de contratar com o poder público pelo prazo de cinco anos.

> Denúncia

Vereadores e prefeitura divergem sobre compra de tênis e meias A licitação feita pela prefeitura de Colombo para compra de 30 mil pares de tênis e 60 mil de meias para os alunos da rede municipal de ensino é motivo de denúncia no Ministério Público (MP). Os vereadores Anderson Prego (PT), Professora Micheli (PT), Clodoaldo Camargo (PTN) e Hélio Feitosa (PSC) apontam irregularidades no processo, uma vez que parte do pagamento foi efetuado e os artigos escolares ainda não foram entregues às crianças. Em nota a prefeitura afirma não haver problemas na aquisição, pois os produtos foram pagos conforme previsto na lei,

e estão guardados na empresa fornecedora para serem distribuídos às crianças em março. Para os vereadores a prefeitura efetuou o pagamento do material, um total de R$ 1.283.711,00, a empresa Novo Tempo Indústria e Comércio de Artigos Escolares, vencedora da licitação, antes de receber o produto, o que não é permitido por lei. O caso foi encaminhado a Justiça, o promotor Paulo Conforto pediu o esclarecimento a prefeitura entre outras questões sobre as razões pelas quais os materiais ainda não foram entregues aos alunos.

Reprodução

Licitação para a compra de artigo escolar é apontado por vereadores como irregular e protocolam denúncia no MP.

Vereadores apontam irregularidades no processo de entrega dos tênis

A prefeitura enviou uma nota e documentos, para esclarecer a situação, conforme consta o pagamento de 25.850 pares de tênis e 51.700 pares de meias foram efetuados

somente após a entrega do produto. "A prefeitura realizou os pagamentos conforme os produtos foram entregues para a municipalidade, o que ocorreu em três lotes distintos,

em novembro e dezembro de 2013 e janeiro de 2014. Porém, por falta de local adequado para armazenamento, e por conta do recesso escolar de final de ano, a Secretaria Municipal da Educação solicitou a empresa vencedora da referida licitação, a ficar como fiel depositária dos produtos", diz a nota. Procurada, a empresa vencedora da licitação apresentou o material armazenado no galpão, cerca de 23 mil pares de calçados em estoque. Apesar de o material estar pronto, a prefeitura esclarece que vai efetuar a entrega dos tênis e meias juntamente com os uni-

formes, composto por duas camisetas, calça e agasalho, o que deve ocorrer no mês de março. Quanto ao fato de correr o risco de o material não servir mais devido ao crescimento das crianças a nota esclarece que não haverá prejuízo. "Um dos motivos dos tênis não terem sido entregues é que entre 20 e 30% da grade de calçados serão remanejados entre as unidades de ensino justamente para atender ao crescimento das crianças entre o período de levantamento da numeração realizado em 2013 e entrega do material neste ano letivo de 2014".

> Assomec

Transporte coletivo gera insatisfação em prefeitos Representantes de 18 municípios participaram da reunião da Assomec e debateram, principalmente, o transporte coletivo da RMC e apontaram diversos problemas no sistema. Na primeira reunião da realizada pela Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba (Assomec) o assunto principal girou em torno do transporte coletivo. Prefeitos e demais representantes de 18 municípios da Região Metropolitana de Curitiba (RMC) se reuniram na cidade de Araucária, coincidentemente no mesmo dia em que uma greve deixou milhares de usuários da Rede Integrada de Transporte (RIT) sem o serviço. Os prefeitos apontaram grande insatisfação com o atual sistema e com a falta de liberdade no gerenciamento do transporte local, e principalmente pelo fato de a Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) não deixar opção para os administradores. Para o presidente da Assomec e prefeito de Pinhais, Luizão Goulart, o

momento que vive os municípios metropolitanos é caótico. "Precisamos de soluções efetivas, mais transparência, maior participação nas decisões, novas licitações", comentou. Para o prefeito é lamentável ver milhares de trabalhadores sendo lesados devido ao impasse que afeta o transporte. "Hoje, infelizmente, ficamos de mãos atadas esperando um posicionamento por parte da Comec e Urbs, precisamos de maior autonomia para tomar decisões em relação ao transporte em nossos municípios", completou. Indignado o prefeito de Balsa Nova, Luis Claudio Costa, reclamou da falta de acesso ao gerenciamento do transporte coletivo. "Não consigo entender o porquê que nós municípios não podemos implantar uma nova linha de ônibus, não podemos tomar decisões. Quem administra isso? Qual o interesse da Comec? Será que

é para encher os bolsos dos empresários do transporte?", questionou o prefeito. A dificuldade dos municípios em atender a população no que diz respeito ao transporte coletivo retrata bem o momento que vive a cidade da Lapa. Segundo a prefeita Leila Klenk, diversas tentativas foram feitas para que novas linhas fossem implantadas para fazer a ligação entre Lapa e Curitiba. "Recentemente, propusemos uma nova alternativa de transporte para ligar nosso município com São Mateus do Sul, passando por Antônio Olinto, um percurso de 70 km que antes os passageiros pagavam R$20,00 agora pagam R$6,90 na passagem. Já em relação ao acesso com Curitiba, não conseguimos avançar, pois a Comec não autoriza", enfatizou. O secretário de Assuntos Metropolitanos, Neco Prado relatou a dificulda-

de que Curitiba está tendo para administrar o sistema integrado de transporte. Segundo Prado, o convênio entre Urbs e Comec está se expirando. "Se não houver renovação, todo o transporte da Região Metropolitana será administrado pela Comec e a Urbs passará a se responsabilizar apenas pelas linhas de Curitiba", explicou. Para o prefeito de Araucária, Olizandro Ferreira,

a falta de informação é um entrave e confunde os administradores na hora de reivindicar melhorias. "Esses dias nós precisávamos fazer uma alteração na linha do ônibus, uma linha extremamente defasada e tanto na Comec quanto na Urbs não conseguimos obter as informações necessárias", disse. Para o prefeito é necessário uma ação mais enérgica. "Nós

da região metropolitana precisamos propor uma nova forma de gerenciamento das linhas metropolitanas, pois a população nos cobra uma resposta", salientou. Segundo o presidente da Assomec, uma reunião com os diretores da Comec será agendada e as reivindicações dos prefeitos serão repassadas. Colaboração Carlos Poly/ Prefeitura de Araucária


COLOMBO, 28 DE FEVEREIRO DE 2014

04

> Educação

Coordenadores tiveram semana de capacitação

Aconteceu nesta semana o curso de Capacitação Profissional dos Coordenadores das Escolas da Rede Municipal de Ensino, foram de 80 coordenadores que receberam treinamento de Formação Continuada de 40 horas. O principal objetivo da capacitação é melhorar a qualidade do serviço prestado por cada um deles, além de alinhar a frente de trabalho ao formato de iniciativa adotada pela Secretaria da Educação e Esporte. Para a secretária à frente da pasta, Aziolê Cavallari Pavin, os treinamentos são importantes para unir a equipe em um só objetivo. "Temos metas traçadas, que tem como principal objetivo a qualidade no ensino. Deste modo os treinamentos, a formação continuada e capacitações,

João Senechal/PMC

Profissionais passaram pela Formação Continuada de 40 horas, objetivo é melhorar a qualidade do serviço.

Coordenadores das Escolas Municipais participaram esta semana do Curso de Capacitação Profissional

como esta, são de suma importância para que possamos alcançar este objetivo. No que diz res-

peito à área da coordenação, ainda mais cuidado temos, pois são as gestoras das unidades,

que estarão lá, depois, disseminando estes preceitos, então a participação e o comprometimento, tanto de quem está ministrando, quanto de quem veio receber as aulas, é fundamental para o sucesso da ação", explicou Aziolê. Com uma carga horária de 40 horas, as aulas abordaram à função da coordenação. No primeiro dia foi apresentado o Plano de Ação da secretaria, com discussão sobre a real função dos coordenadores. Na terça-feira (25) a palestrante Maria de Fátima Minetto abordou questões de Currículo Adaptado. O assunto é relevante, pois em Colombo, a maioria das escolas atendem crianças de inclusão, um fator determinante em capacitar os profissionais que estão

em contato direto com estes alunos. No terceiro e quarto dias (26 e 27) o Departamento Pedagógico da Secretaria da Educação propôs a construção de instrumentos para investigação com o objetivo de identificar a real causa da dificuldade de aprendizagem, apresentadas por algumas crianças, buscando a melhoria de ensino. Para finalizar, a grade prevê nesta sexta-feira (28) o repasse de informações sobre os procedimentos padrões para encaminhamento de alunos para o Centro de Atendimento Especializado à Criança, que oferece psicoterapia, fonoaudiologia e psicopedagogia para as crianças, além de esclarecer sobre os procedimentos para encaminhar os alunos para a Avaliação Psicoeducacional.

> Matrículas

Creches tiveram aumento nas matrículas em 2013

Maior procura aconteceu nas escolas municipais e privadas, enquanto as estaduais registraram queda. Segundo dados do Censo da Educação Básica de 2013 divulgados nesta semana pelo Ministério da Educação (MEC), o número de matrículas aumentou em 7,56% em 2013 se comparado com 2012. As escolas municipais e privadas registraram praticamente o mesmo aumento: 7,56% e 7,47%, respectivamente, enquanto as estaduais apresentaram uma redução em 23,69% no número de alunos. A educação até os quatro anos não é obrigatória no Brasil, mas o estado deve oferecer vagas em creches públicas de acordo com a demanda. A estimativa do Banco Mundial, de 2011, é que haja uma demanda

não atendida de 1,8 milhão de crianças. Em números absolutos, as matrículas passaram de 2,5 milhões em 2012 para 2,7 milhões no ano passado. Desse total, 1,2 mil são oferecidas por escolas federais, 4,9 mil por estaduais, 1,7 milhão por municipais e 999 mil por privadas. A pré-escola, que passa a ser obrigatória a partir de 2016, também apresentou crescimento. Passou de 4,7 milhões em 2012 para 4,8 milhões de matrículas em 2013, um aumento de 2,2%. As federais apresentaram o maior aumento de matrículas, 4,6%, embora concentrem o menor número de estudantes, 1,37 mil.

Na sequência estão as privadas, com um aumento de 3,5% em relação a 2012. As particulares registraram 1,2 milhão de alunos. Já as municipais, com o maior número de crianças, 3,6 milhões, tiveram um crescimento de 1,8% em relação ao ano anterior. As estaduais, como no caso das creches, registraram uma diminuição, de 2,5%, com 50,1 mil alunos em 2013. ENSINO MÉDIO No ensino médio as matrículas caíram 0,6% no ano passado em comparação com 2012, conforme apontou o Censo da Educação Básica de 2013, passando de 8,37 milhões em 2012 para

8,31 milhões no ano passado. As matrículas mantêm-se praticamente constantes desde 2007, quando havia 8,36 milhões de estudantes cursando a etapa de ensino. Segundo o ministro da Educação, Henrique Paim, o ensino médio ainda é um desafio para o país. "Temos que fazer com que o ensino médio seja mais atrativo para que a gente possa matricular mais estudantes", disse Paim. Outro problema apontado pelo ministro foi a reprovação dos estudantes, que chega a 30% no 1° ano. "Temos uma retenção nos anos finais do ensino fundamental e temos, no ensino médio, o desafio de fazer com que os estudantes que in-

gressam, concluam. Temos que melhorar o fluxo, reduzindo a reprovação, especialmente no 1° ano", concluiu o ministro. Uma das soluções apontadas por Paim é o Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio, lançado no final do ano passado. O programa dá ênfase à formação dos professores, o que contribuirá para melhorar as aulas. A prolongação de jornada, com programas como o Ensino Médio Inovador, na qual os estudantes passam mais tempo na escola e têm atendimento pedagógico e atividades culturais e esportivas, também contribuem para a fixação dos estudantes.

> Obras

Escola Cristóvão Colombo recebe mais infraestrutura Construção de quadra esportiva vai beneficiar mais de 700 alunos, investimento chega a R$ 443 mil. É através do PAR que a Prefeitura firma uma parceria com o governo federal, que por sua vez libera a verba para as construções e investimentos, quando o município está dentro dos critérios exigidos. Para a realização da obra, a Prefeitura de Colombo firmou o termo de compromisso com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), no qual ela se responsabiliza por uma contrapartida, que neste caso foi investida na preparação do terreno, como aterramento, terraplanagem, muro de arrimo e nivelamento do solo.

João Senechal/PMC

Com um prazo de 60 dias para conclusão, está em construção à quadra poliesportiva coberta e com palco, na Escola Municipal Cristóvão Colombo, ao todo são 860 metros quadrados de área, os investimentos são de R$ 443 mil, e irá beneficiar mais 700 alunos. A novidade é a inserção de um palco, que fica localizado em uma das pontas da quadra, propiciando a realização de eventos pela equipe pedagógica da unidade, com maior conforto e segurança para os alunos e para a comunidade escolar. A escola ainda vai receber este ano a construção de quatro novas salas de aula e realizar a ampliação da estrutura administrativa, incluindo diretoria, secretaria, instalação sanitária e o refeitório, com abertura de mais 240 vagas. A secretária da Educação e Esporte, Aziolê Cavallari Pavin, falou sobre as fontes de recurso para a construção do ginásio. "Esta nova estrutura veio, assim como outras que a equipe da se-

Quadra poliesportiva na Escola Municipal Cristóvão Colombo será entregue ainda este ano

cretaria conseguiu, por meio de um termo de compromisso com o FNDE, que possibilitou a solicitação pelo PAR, que é o Plano

de Ações Articuladas. É com o PAR que o cadastro do município se mantém atualizado na esfera federal, o que nos faz alcançar a

realização desta e de muitas outras melhorias para a rede municipal de ensino de Colombo", explicou Aziolê.

AMPLIAÇÃO A construção de quatro novas salas de aula e realizar a ampliação da estrutura administrativa e readequação da quadra de areia anexa à escola. Vai receber um investimento de R$ 581 mil com recursos próprios da prefeitura, a área a ser construída chega a 469 metros quadrados. O praza para a execução desta obra é de 120 dias.


05 COLOMBO, 28 DE FEVEREIRO DE 2014


COLOMBO, 28 DE FEVEREIRO DE 2014

06

Segurança: Operação carnaval 2014 começa no litoral estão sendo todas fiscalizadas pela Polícia Militar Rodoviária. Os veículos usados para monitoramento do Litoral possuem câmeras com tecnologia infravermelho, televisores, telefones e terão geradores de uma rede sem fio (wi-fi). Eles também são adaptados com sistemas de comunicação, videomonitoramento e gestão de eventos. "Buscamos oferecer segurança de qualidade às famílias e foliões que passarão o feriado de Carnaval no Litoral paranaense. Para isso, o Governo do Estado e a Polícia Militar não estão medindo esforços", afirma o Subcomandante Geral da PM, coronel Péricles de Matos. Além dos caminhões, o policiamento da Costa

Cabo Valdemir da Luz

PM vai usar a tecnologia para garantir a segurança dos foliões e veranistas nas praias do Paraná. A Operação Carnaval 2014 nas praias do Paraná começa nesta sexta-feira pela Policial Militar (PM), são esperados para este período dois milhões de veranistas e turistas da capital e do interior do estado e até de outros estados e países. A Operação, que terá início às 18 horas desta sexta-feira (28) e segue até o final da noite de quarta-feira de cinzas (05), contará com monitoramento de alta tecnologia oferecido por meio dos caminhões chamados Centros de Comando e Controle Móveis, que atuarão em algumas praias. Além do Litoral, haverá policiamento em todo o Paraná, especialmente nos locais onde com festejos carnavalescos, as rodovias estaduais também

Caminhão de Comando de Controle com equipamentos tecnológicos será usado na operação carnaval 2014 no litoral do Paraná Leste, que já conta com de Oficiais, da Academia 1.923 mil policiais militaPolicial Militar do Guatures estaduais de diversas pê e da Escola de Formaunidades da PM por conta ção de Soldados do 9º Bada "Operação Verão Paratalhão da PM - unidade ná", receberá reforço de responsável pelo litoral mais policiais do serviço do estado -, os quais atuadministrativo da corporaarão em estágio operacioção, de cadetes da Escola nal, supervisionados por

outros policiais. A PM realizará ações e operações nos festejos carnavalescos a fim de proteger a vida, o patrimônio e as relações sociais das pessoas, de garantir e preservar a ordem, a segurança e a tranquilidade, preservar o meio ambiente, realizar fiscalizações juntamente com órgãos do governo federal, estaduais e dos municípios, o Poder Judiciário, Ministério Público, Polícia Civil e Federal, V igilância Sanitária e outras forças de segurança pública. ORIENTAÇÃO Os policiais orientarão os foliões e farão repressão de condutas que possam colocar em risco a tranquilidade das pessoas. Serão desenvolvidos

policiamento ostensivo, a pé e motorizado, além de policiamento com motos, bicicletas e com cães. Próximos aos desfiles e trios elétricos serão feitos policiamento ostensivo e de trânsito. O mesmo será feito próximo à entrada de bailes públicos. "Está proibido, por exemplo, circular nas avenidas das festas com garrafas de vidro, ou seja, qualquer bebida comprada, que venha nestes recipientes, devem ser colocadas em outro de plástico para circulação", orienta o tenente-coronel Lanes Randal Prates, Comandante do 9º Batalhão da PM e Coordenador da Operação Verão Costa Leste. Caso necessitem da Polícia Militar, basta ligara para o 190.

Ministério da Saúde lança campanha de prevenção às DSTs e Aids Começou nesta semana a campanha do Ministério da Saúde (MS) de prevenção às DSTs e Aids, a estratégia tem o slogan "Se tem festa, festaço ou festinha, tem que ter camisinha". A campanha que tem como público alvo a população sexualmente ativa - dos 15 aos 49 anos , e que terá continuidade em outros grandes eventos neste ano, como festas juninas e Copa do Mundo, o objetivo é trabalhar com a ideia da prevenção, mas também para o diagnóstico precoce. Ao todo esta-

dos e municípios vão receber 104 milhões de preservativos na primeira remessa desse ano, no ano passado, o Ministério distribuiu 610 milhões e também ofertou 4,7 milhões de testes rápidos e 4,1 milhões de testes tradicionais de HIV. O Ministério estima que 150 mil brasileiros são portadores do vírus HIV e não tem conhecimento de sua condição. "Se a pessoa sabe da infecção, ela já começa o tratamento imediatamente, melhorando sua qualidade de vida. Quanto mais

Divulgação/Ministério da Saúde

Estimativa é que 150 mil brasileiros são portadores do vírus HIV e não tem conhecimento de sua condição, campanha aborda o uso e distribuição gratuita de camisinhas e o diagnóstico precoce.

Ministério da Saúde vai investir R$ 1,2 bilhão em 2014 em campanha de prevenção contra DST e Aids.

cedo começa, a chance de transmissão se reduz muito", afirmou o Secretário de V igilância em Saúde, Jarbas Barbosa. Mais de 190 mil homens e 75 mil mulheres já morreram no Brasil por conta da Aids. Cerca de 340 mil pessoas estão em tratamento no País - dados do final de 2013. Somente em 2014 serão investidos R$ 1,2 bilhão para combater à Aids e demais DSTs, sendo R$ 770 milhões em medicamentos. São 518 Centros de Testagem e Aconselhamento (CTA) por todo o País, com

mais de 8 milhões de testes feitos em 2013, que é realizado em apenas 30 minutos. O Brasil é o primeiro no mundo a oferecer o tratamento, logo após a descoberta do vírus no teste rápido. AIDS A Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (Aids) é causada pelo vírus HIV - e pode ou não (fase assintomática) se manifestar no organismo do portador. A doença, quando desenvolvida, ataca o sistema imunológico, comprometendo seu funci-

onamento e deixando-o vulnerável a outros males. A relação sexual sem camisinha com alguém infectado, o compartilhamento de seringas e a reutilização de objetos perfurocortantes contaminados pelo HIV são as principais formas de contágio. Mulheres grávidas contaminadas com o HIV têm 20% de chance de transmissão para o bebê quando não há tratamento, mas este número cai para menos de 1% caso a mãe siga as medidas preventivas e recomendações médicas.


07 COLOMBO, 28 DE FEVEREIRO DE 2014 > Carnaval

Carnaval alternativo de Curitiba tem Rock, cinema de horror, Zombie Walk e mostra de carros. Para a edição que celebra seus 15 anos de existência, o Psycho Carnival preparou uma festa especial, com grandes bandas brasileiras e internacionais, e ganhou o reforço do Curitiba Rock Carnival, série de shows com entrada franca que acontecem no estacionamento da Câmara Municipal de Curitiba. O evento este ano conta com o apoio da Fundação Cultural de Curitiba (FCC), o que permitiu a realização dos shows gratuitos em maior quantidade que em anos anteriores. Entre as atrações internacionais estão The Sharks e King Kurt, bandas inglesas lendárias que tocam pela primeira vez no Brasil. Ao todo, contando também as performances que acontecem à noite, no Jokers Pub, serão 37 shows, 21 deles com entrada franca. Completam esse car-

naval multifacetado a Zombie Walk, o Psycho Car (exposição de carros customizados) e a mostra de cinema Grotesc-o-Vision, que acontece na Cinemateca de Curitiba nos dias de folia. Em 2014, o Festival criado há 15 anos por Vlad Urban vai ocupar um espaço diferente, no estacionamento da Câmara Municipal, na esquina da Barão do Rio Branco com a Visconde de Guarapuava. Ali, uma estrutura especial será montada para receber shows gratuitos do Curitiba Rock Carnival, que acontecem nas tardes dos dias 1º, 2 e 3 de março. O espaço tem capacidade para até três mil pessoas e a entrada será liberada de acordo com a capacidade do local. NOTURNO As noitadas do Psycho Carnival seguem no Jokers

Pub, onde os shows começam com a Festa do Esquenta, nesta sexta-feira (28 de fevereiro), e seguem nos dias 1º, 2 e 3 de março, sempre a partir das 22h. Entre os nomes internacionais confirmados este ano estão às austríacas Burning Aces e Anal Destination. Entre as nacionais, Crazy Horses, Kráppulas, Sick Sick Sinners, CWBillys e Billys Bastardos. Nestas quatro noites de shows o ingresso será cobrado. Os ingressos para o Psycho Carnival 2014 está à venda com exclusividade nas lojas Túnel do Rock, em Curitiba (na Rua Quinze de Novembro, 74 e na Avenida Marechal Floriano Peixoto, 34). O ingresso avulso por noite custa R$ 35 ou o passaporte para três noites a R$ 100 ou para as quatro noites por R$ 120.

SERVIÇO: 15º PSYCHO CARNIVAL Festa do Esquenta: dia 28 a partir das 22h. No Jokers Pub (R. São Francisco, 164). CURITIBA ROCK CARNIVAL: dias 1, 2 e 3 de março, das 13h às 22h. Entrada franca. No estacionamento da Câmara Municipal de Curitiba - esquina da Barão do Rio Branco com Visconde de Guarapuava) PSYCHO CARNIVAL: dias 1, 2 e 3 de março, a partir das 22h. No Jokers Pub (R. São Francisco, 164). Valores: - Festa do Esquenta (28): R$ 35 / - Passaporte três noites Psycho Carnival (dias 1, 2 e 3 de março): R$ 100 - Passaporte quatro noites Psycho Carnival (28/02 + dias 01/03, 02/03 e 03/03): R$ 120 / - Ingresso avulso para cada noite do Psycho Carnival : R$ 35 - INFORMAÇÕES: facebook.com/psychocarnival PROGRAMAÇÃO COMPARTILHADA: ZOMBIE WALK: domingo (02), a partir das 12h, com saída da Praça Osório PSYCHO CAR: Mostra de carros customizados que acontece nos três dias do evento gratuito, na Praça Eufrásio Corrêa. GROTESC-O-VISION: de sexta (28) a segunda-feira (03), na Cinemateca de Curitiba (R. Pres. Carlos Cavalcanti, 1174). Ingressos a R$ 10 e R$ 5. Confira a programação completa no site da Folhadecolombo.com.br

Feriado de carnaval tem mostra de Choro no Conservatório de MPB Enquanto o samba invade a Marechal Deodoro, a Praça Jacob do Bandolim do Conservatório de MPB de Curitiba torna-se palco para a Mostra de Choro, um dos gêneros musicais mais representativos da música brasileira. De sábado a terça-feira (1º a 4), sempre das 11h às 13h, o público contará com apresentações gratuitas de destacados músicos locais. O roteiro preparado pelo Instituto Curitiba de Arte e Cultura (ICAC), órgão responsável pela gestão da área musical da Fundação Cultural de Curitiba (FCC), apresenta João Egashira e Grupo, no sábado (1º), Grupo Choro Curitibano, no domingo (2), Grupo Choro e Seresta, na segunda-feira (3), fechando com a Roda de Choro do CMPB, na terçafeira (4). O clima descontraído das rodas de choro reforça a técnica apurada dos instrumentistas, que investem na improvisação. Não existe uma formação específica e os músicos que vão chegando se juntam à roda, proporcionan-

Luiz Cequinel

Carnaval no ritmo do Rock em Curitiba

Mostro de Choro durante o feriado de Carnaval tem entrada gratuita

do momentos de virtuosismo, traduzidos pelos sons de flautas, bandolins, cavaquinhos e violões, entre outros instrumentos. "O samba e o choro são gêneros musicais irmãos, que integram a diversidade cultural presente na música brasileira e marcam a festa mais popular do país", enfatiza o clarinetista Sérgio Albach, diretor da Orquestra À Base de Sopro (OABS) e um dos integrantes da Roda de Choro do CMPB. A maratona musical encerra na terça-feira (4), com uma edição especial da Roda de Choro do Conservatório de MPB de Curitiba.

CARNAVAL DE CURITIBA 2014 Mostra de Choro LOCAL: Praça Jacob do Bandolim do Conservatório de MPB de Curitiba (Rua Mateus Leme, 66 Setor Histórico). DATA/HORÁRIO: de 1º a 4 de março de 2014 (sábado a terçafeira), das 11h às 13h. Entrada franca FONTE: Fundação Cultural de Curitiba Confira a programação completa no site folhadecolombo.com.br

> Desfile Escolas

Samba na avenida Desfile das escolas de samba de Curitiba acontece neste sábado. A Avenida Marechal Deodoro volta a receber neste sábado (1º), depois de 15 anos, o desfile das escolas de samba de Curitiba. A festa começa às 18h30, com os blocos carnavalescos, e deve terminar por volta das 5h de domingo, com a passagem da escola campeã de 2013, a Acadêmicos da Realeza. Ao todo oito escolas de samba do grupo A e B estarão participando do desfile este ano. As primeiras a se apresentar, a partir das 21h, são as do grupo B - Imperatriz da Liberdade, Unidos de Pinhais, Bairro Alto e Internautas, cujos enredos enaltecem Curitiba e a cultura popular, depois passam pela avenida os Leões da Mocidade, Embaixadores da Alegria, Mocidade Azul e Acadêmicos da Realeza. A Avenida estará preparada para receber o público que irá ao desfile das escolas de samba, a infraestrutura montada conta com arquibancadas, equipamentos de som e iluminação, banheiros químicos, barracas de alimentação, além dos esquemas de segurança, atendimento médico e orientação de trânsito. O acesso do público às arquibancadas é gratuito. Estão disponíveis 2.600 lugares, sendo que 300 são reservados a idosos, deficientes físicos e gestantes. As arquibancadas estarão montadas apenas no lado esquerdo da pista

Divulgação

> Psycho Carnival

Desfile das escolas de Samba de Curitiba começa neste sábado na Avenida Marechal Deodoro

PROGRAMAÇÃO: DESFILE DAS ESCOLAS DE SAMBA Dia 1º de março (sábado), a partir das 18h30, na Avenida Marechal Deodoro (entre a Rua Barão do Rio Branco e a Avenida Marechal Floriano). ORDEM DE APRESENTAÇÃO: BLOCOS: Afoxé - Derrepente - Rancho das Flores ESCOLAS DO GRUPO B Imperatriz da Liberdade - Unidos de Pinhais Bairro Alto - Internautas ESCOLAS DO GRUPO A Leões da Mocidade - Embaixadores da Alegria Mocidade Azul - Acadêmicos da Realeza APURAÇÃO - CAMPEÃ DO CARNAVAL 2014 Dia 2 de março (domingo), a partir das 15h, no Memorial de Curitiba Confira a programação completa no site da Folhadecolombo.com.br (sentido Marechal Floriano). Serão instalados 60 sanitários químicos, ao longo do trecho do desfile (entre a Rua Barão do Rio Branco e Avenida Marechal Floriano) e também nas áreas de concentração e dispersão das escolas. Vinte barracas estarão atendendo na Rua Monse-

nhor Celso (entre a XV de Novembro e a José Loureiro) para venda de alimentos e bebidas (água, refrigerantes e cervejas). Foram definidos também quatro pontos de vendedores ambulantes. Técnicos da vigilância sanitária e da Secretaria Municipal de Urbanismo estarão atuando na fiscalização.


COLOMBO, 28 DE FEVEREIRO DE 2014

08

> Taça Paraná

Bandeirantes pronto para a Taça Paraná Arquivo/Folha de Colombo

Para disputar a competição pela segunda vez clube montou elenco forte para brigar pelo título. Com data marcada para estrear na Taça Paraná 2014, dia nove de março contra o Pinheiros, de Araucária, em Colombo, o atual campeão colombense, Bandeirantes, está com o elenco montado para a disputa do certame. Para não participar apenas como coadjuvante, o clube contratou jogadores experientes, acostumados com competições deste gênero e com vários títulos no currículo, são atletas bastante conhecidos do futebol amador de Curitiba e região e com passagem por times profissionais. Para conseguir montar o elenco o presidente do Bandeirantes, Mauricio, buscou parcerias e conseguiu o patrocínio da empresa, BrasMeincol - Alfa Steel, conhecida em Colombo e região por ser um grande incentivador do futebol local. Com o apoio conseguiu fechar contrato com bons jogadores para a Taça Paraná, a base

Bandeirantes reforça elenco para Taça Paraná, na imagem o elenco campeão de 2013.

po Largo, seis vezes campeão da Taça e atual tricampeão. Para manter a hegemonia o time campo-larguense treina forte para a disputa, neste começo de ano fez amistosos contra o sub-23 do Atlético, contra o Coritiba e também foi até Ponta Grossa enfrentar o Operário. No comando o alvinegro tem

da equipe é formada por atletas que disputaram a Suburbana de Curitiba pelo Combate Barreirinha ano passado, eliminado na semifinal pelo Trieste, que se sagrou campeão. Com este grupo o Bandeirantes acredita que pode surpreender na competição e desbancar o favorito Internacional de Cam-

como técnico o campensíssimo Ivo Petry, um dos maiores vencedores da competição e muito respeitado pelos jogadores. O Bandeirantes vai mandar os jogos no Estádio Ressaca, campo do São Gabriel, aposta que o apoio da torcida seja maior na região, e a pressão nos adversários também.

CONFIRA OS JOGADORES CONFIRMADOS PARA DEFENDER O BANDEIRANTES. ELENCO BANDEIRANTES: Andrézinho, Bruno, Cainho, Danilo, Emerson, Fábio, Gelson, Joãozinho, Jonatas, João Paulo, Jonas, Junio, Juninho, Julianinho, Leone, Luciano, Massai, Mikael, Mi, Rogério Souza, Ricardo, Salário, Wuallysson, Zé Nunes. TÉCNICO: Perninha. AUXILIAR TÉCNICO: Serjão. Massagista: Sr. Mário. PREPARADOR FÍSICO: Cleverson. AJUDANTE: Adilson Kaiser. PRESIDENTE: Mauricio. PATROCINADOR: Meincol - BrasMeincol Alfa Steel. TAÇA PARANÁ - 1° RODADA Bandeirantes x Pinheiros Data/Horário: 09/03/2014, às 16h. Local: Estádio Ressaca, campo do São Gabriel, Rua Paulo Scrok - Colombo.

> Quarentinha

Estreia do Quarentinha é adiada Com problemas para fechar documentação de jogadores, clubes pedem para começo de campeonato ser transferido. A Liga de Futebol de Colombo aceitou o pedido dos clubes que irão disputar o campeonato de Quarentinha de Colombo e adiou o início do certame. O

presidente da Liga, Carlos Roberto Gonçalves (Carlinhos) divulgou a informação na última quarta-feira, a estreia que estava marcada para o dia nove de

março foi transferida e ainda não tem nova data. Para definir a nova data e tratar de outros assuntos referentes ao campeonato, a Liga mar-

cou um arbitral para o dia cinco de março, quarta-feira, às 19h30 na Regional do Maracanã. O cancelamento da competição foi um pedido dos clubes,

muitos estavam com problemas para organizar a documentação dos atletas neste começo de temporada e a Liga acatou a solicitação.

> Copa do Mundo

Um gesto eternizado por acaso 29 de junho de 1958, no Estádio Rasunda, em Estocolmo, depois da goleada de 5 a 2 do Brasil sobre a Suécia no jogo decisivo do Mundial. O gesto, que é copiado até hoje, surgiu do acaso. "Não pensei em erguer a taça, na verdade não sabia o que fazer com ela quando a recebi do Rei Gustavo, da Suécia. Na cerimônia de entrega da Jules Rimet, a confusão era grande, havia muitos fotógrafos procurando uma melhor posição. Foi então que alguns deles, os mais baixinhos, começaram a gritar: 'Belini, levanta a taça, levanta, Belini!', já que não estavam conseguindo fotografar. Foi quando eu a ergui", conta. O gesto de Belini simbolizou a perfeição, o primeiro título mundial do Brasil, conquistado por uma Seleção que muitos garantem ter sido a melhor da história. O zagueiro se tornou, com o título, um dos jogadores mais

CBF

Para conseguir uma imagem melhor, fotógrafos pediram para Belini levantar a taça, o gesto ficou eternizado e é repetido até hoje. Na primeira Copa do Mundo que o Brasil conquistou um título, em 1958, na Suécia, o capitão era Belini. Na época zagueiro do Vasco, foi ele quem eternizou o gesto de levantar a taça que os capitães de todas as seleções campeãs do mundo passaram a repetir Mundial após Mundial. Hilderaldo Luís Bellini (na certidão de nascimento) é de Itapira (SP), de 21 de junho de 1930. Chegou à Seleção Brasileira jogando pelo Vasco, passou pelo São Paulo e encerrou a carreira no Atlético Paranaense em um dia que ele jamais vai esquecer: 20 de julho de 1969, o dia em que o homem pisou na Lua. Neste ano, juntamente com Djalma Santos, também bicampeão do mundo pela Seleção Brasileira, Belini foi campeão paranaense. Zagueiro de estilo vigoroso, líder nato, Belini entrou para a história do futebol mundial ao erguer a Taça Jules Rimet no dia

Belini levanta a taça de campeão mundial de 1958, gesto se eternizou e é repetido até os dias de hoje

populares do Brasil, admirado pelos torcedores, que viam nele um exemplo de raça, que levou a Seleção Brasileira a fazer o mundo se curvar ao nosso futebol. O campeonato mundial da Suécia rendeu para Belini a transferência do Vasco para o São Paulo (onde jogava na cam-

panha do bicampeonato mundial, em 1962) e convites para muitos contratos fora dos gramados. Alto, com pose de galã, Belini passou a ser requisitado para as mais variadas campanhas publicitárias em jornais, revistas e na TV que então começava a conquistar seu espaço. Participou de fotonovelas em quadrinhos de revistas da época e recebeu até mesmo convite para ser ator de cinema. Foi nessa época que Belini conheceu Giselda, também de Itapira, com quem se casou em janeiro de 1963. Quando se conheceram, Giselda tinha 14 anos e lembra que não entendia direito por que falavam tanto naquele jogador que era nascido na mesma cidade. Bastou o primeiro encontro, quando Belini foi a Itapira receber uma homenagem, para começarem a namorar. "Me casei com 17 anos. Mas no início do namoro, eu tinha 14,

e o Belini chegou a quase desistir, alegando que a diferença de idade ia atrapalhar. Mas depois me presenteou no Natal com o anel de noivado. Disse que eu era a única pessoa de quem sentia falta, que eu seria a mulher da vida dele". Do casamento, nasceram Carla e Júnior, filhos dos quais Belini e Giselda se orgulham. BELINI NA SELEÇÃO BRASILEIRA PRINCIPAL: 57 jogos, 42 vitórias, 11 empates e 4 derrotas. Clubes que Belini jogou: Atlético Sanjoanense, Vasco, São Paulo e Atélico/PR. Títulos pela Seleção Brasileira: Copa Roca (1957 e 1960); Taça Oswaldo Cruz (1958, 1961 e 1962); Copa do Mundo (1958 e 1962); Taça Bernardo O'Higgins (1959) e Taça do Atlântico (1960).


Edicao791