Page 1

Folha da Mulher

O espaço feito para você.

SAÚDE - MODA - BELEZA - ESTÉTICA - ATIVIDADE FÍSICA - CASA - FAMÍLIA - TRABALHO - BEM -ESTAR - CULINÁRIA - PETS - ARTE E CULTURA - TURISMO www.folhadamulher.com.br

www.facebook.com/folhadamulher

www.twitter.com/folhadamulher

Ano 1 – Edição 12 – Campo Largo - Fevereiro 2012

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

É Carnaval!

Aproveite o feriado para viajar, se divertir e relaxar, seja onde for. página 3


Folha da Mulher

2

Campo Largo - Fevereiro 2012

CRÔNICA

EDITORIAL Folia saudável Férias, descanso, final de ano, verão… foi tudo muito bom. Mais um ano começou e o carnaval está chegando. Costumamos dizer que depois dele é que o ano começa. É um período de muita festa e alegria ou dias de descanso e de lazer com amigos e família, dependendo do seu gosto. Seja qual for seu estilo de vida, o carnaval deve ser aproveitado da melhor maneira. É pensando nisto que a Folha traz uma edição toda especial sobre esta data, unindo dicas de viagens, moda e beleza, além de trazer um conteúdo voltado para a saúde e bem-estar nesses dias quentes do verão. Logo na matéria principal, se você tem alguma dúvida para onde ir nesse carnaval, você encontrará algumas dicas de programas e destinos para todos os gostos e idades, desde os amantes da folia aos adeptos da tranquilidade. Em Moda, você vai aprender como montar um look divertido e sem gastar muito, que vai arrasar na folia. Combine esse

Sofia Ricciardi Jorge Estudante de jornalismo

look com os maxi anéis abordados na coluna Mulher Mix. Em Beleza, saiba como proteger seus cabelos do sal e do cloro e como mantê-los sempre hidratados. A coluna “Organizando sua Vida” fala sobre a volta às aulas e a melhor maneira de organizar a mochila dos pequenos. Em Atividade Física, veja como se manter saudável depois dos exageros das festas. Em Saúde veja a importância da água e outros líquidos para o seu corpo. Enfim, essas e outras tantas matérias que foram feitas especialmente para você. Nossos mais sinceros agradecimentos para todas as pessoas que acompanharam e contribuíram para a construção dessas 12 edições da Folha da Mulher. Desejamos a você um carnaval saudável e consciente. Cuide com os abusos, principalmente com bebidas. Pule, festeje, descanse e aproveite esse primeiro grande feriado do ano com as dicas da Folha da Mulher. Boa leitura e até a próxima!

CAPA DO MÊS Tempo de alegria e beleza Fevereiro é o mês da maior festa cultural do Brasil. Um tempo de folia para muitos e descanso para outros, mas sobretudo, um período de muita alegria e beleza. Seguindo o conceito do carnaval, trouxemos esse mês para a capa da Folha, a empresária campolarguense Inês Kuklik, que tem por vocação no seu trabalho levantar o astral, a auto-estima e proporcionar a alegria para muitas pessoas. Inês é casada com o também empresário Valmir Kuklik e é proprietária do Camaleão Cabelo e Estética, fruto de anos de experiência e dedicação. Inês sempre foi uma mulher visionária e que buscou ir além das expectativas. Ela se tornou membro da Intercoiffure Mondial (Associação Internacional de Mestres Cabeleireiros), a qual reúne os nomes de maior destaque no mundo da beleza e da moda. A Intercoiffure é uma entidade de prestígio nesta área, pois é composta por um seleto grupo de cabeleireiros, um total de três mil em 52 países. A foto foi realizada pela Vanin Fotografias.

EXPEDIENTE

Folha da Mulher

O Jornal Folha da Mulher é uma publicação da JF Comunicação Editorial Ltda, CNPJ 13.479.089/0001-62. Fundado em 11 de março de 2011. Diretores Johni Pablo johni@folhadamulher.com.br Felipe Giacomin felipe@folhadamulher.com.br Jornalista Responsável Regina Kracik Teixeira MRT nº. 1414 - FENARJ Jornalismo e Edição Felipe Giacomin Projeto Gráfico e Diagramação Johni Pablo

Departamento Comercial / Anúncios comercial@folhadamulher.com.br (41) 9208-6879 | 3026-1658 (Johni) (41) 9833-1034 (Felipe) Jornalismo, matérias e releases redacao@folhadamulher.com.br Fale com a Folha da Mulher contato@folhadamulher.com.br Web e Redes Sociais www.folhadamulher.com.br www.twitter.com/folhadamulher www.facebook.com/folhadamulher Impressão Editora Gazeta do Povo - Curitiba Tiragem 6.000 exemplares

Periodicidade Mensal Distribuição Gratuita e dirigida Pontos de Distribuição Salões de beleza e estética, lojas de moda e confecção, comércio em geral, clínicas, academias, Prefeitura e Vila Olímpica de Campo Largo, além todos os anunciantes dessa edição. Os artigos e matérias assinadas contidas nessa edição são de responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião da Direção do jornal Folha da Mulher.

www.sofisticadablog.com.br sofia.ricciardi@yahoo.com.br

Nenhum carnaval tem seu fim

A

ntes de se perder na multidão colorida, antes de sair e antes de me beijar a testa, ele tentou amenizar a dor com o trecho de uma música que eu sempre gostei, mas nunca havia percebido o tom de tristeza que ela trazia. “Todo carnaval tem seu fim” - e então partiu levando um punhado de confetes do meu coração. Bastou isso para eu me sentir em preto e branco e ter meus pensamentos enrolados feito serpentina, enquanto palhaços, super-heróis, policiais e dançarinas de cabaré circulavam ao meu redor. Ele me deixou em pleno mês de fevereiro, no carnaval em que me vesti de bailarina e sorri com batom rosa um sorriso forçado de quem não queria perder a alegria que um carnaval traz, mas quase podia sentir o coração rasgando como a bandeira da madrinha da escola de samba. Era uma multidão de pessoas pulando marchinhas, enquanto eu continuava parada. Cerveja respingava em mim, cheiro de lança-perfume no ar, homens vestidos de mulher, meninas vestidas de odaliscas. Eu continuava parada, sendo somente mais uma bailarina de saia armada. Demorei a reparar que você

não era minha avenida. Você era bloco. Bloco de rua, como outros milhares que existem. A avenida era eu. Só desfilava o Pierrot que eu quisesse, só tocava a música que eu quisesse ouvir. Não era a sua bateria que me colocava para dançar, era o meu peito e é com a batida dele que eu ia pular também. Não, amor, não é todo carnaval que tem um fim. A vida toda é um carnaval. Um desfile de pessoas rindo da solidão, se abraçando e cantando como se amanhã fosse só mais um dia, sem compromissos, sem trabalho, sem visitas em cima da hora e louça para lavar: Como todo dia deveria ser. Um desfile de pessoas escondidas em fantasias, das mais diferentes figuras, escondendo suas vergonhas, travestindo identidades coloridas, para ser quem quisesse ser: como já somos. Sempre sobra confete na calçada, cerveja na saia da colombina, anjo bêbado andando com a asa quebrada e palhaço sem nariz vermelho. Sempre sobra uma máscara no chão, para você recolher e levar para casa. É com ela que a gente põe nosso bloco na rua de novo. Se o amor é carnaval, eu sou avenida.


Folha da Mulher

Campo Largo - Fevereiro 2012

3

CAPA Caroline Bosi Beatriz

Jornalista

carolbosi@gmail.com

Carnaval para todos os gostos Seja na praia, no campo, ou na cidade, aproveite ao máximo o primeiro feriadão de 2012

“Sempre adorei o carnaval, uma época de muita alegria. Meu sonho é desfilar um dia na Sapucaí no Rio de Janeiro. A melhor opção para esse feriado é viajar e relaxar com a família e amigos.” Inês Kuklik

O

que você vai fazer no Carnaval? Como este será o primeiro feriado prolongado de 2012, muitas pessoas vão aproveitar os dias de folga para curtir a família e os amigos. Em 2012, a data é comemorada no dia 21 de fevereiro, na tradicional terça-feira, ou seja, são cinco dias de festa. Os destinos mais procurados,

sem dúvida, são as praias. Mas se você quer fugir do agito e descansar, os resorts e hotéis fazenda são uma boa opção. Segundo a turismóloga Ana Carolina Braga Stallbaum, o litoral do Nordeste e de Santa Catarina são os preferidos para quem quer curtir a folia. “Mesmo nesses lugares, há opções mais tranquilas, como os resorts e termas, ideais para famílias”, diz, lembrando que nessa época do ano também há uma grande procura por cruzeiros. Os mais procurados são os que possuem sistema all Inclusive de alimentação, bebidas, lazer e entretenimento. Como durante o carnaval a procura por hospedagem, passagens e serviços é maior, o custo da viagem acaba saindo mais alto. “O interessante é começar a pla-

nejar a viagem com antecedência. Em setembro, as agências já começam a receber os valores dos pacotes para a temporada. Decidindo o destino com antecedência, é possível parcelar a viagem em 10 vezes e até mesmo utilizar as milhas do cartão de crédito para comprar a passagem”, orienta Ana. Se você procura um lugar mais perto, o litoral paranaense oferece boas opções para curtir a folia e relaxar. Uma das festas mais animadas e antigas é a de Antonina. Oficialmente, a tradição carnavalesca em Antonina teve início com o bloco Boi do Norte, em 1920 - naquele tempo, a farra do boi reunia um pequeno grupo de pessoas que eram perseguidas por um boneco feito de madeira, tecido e crânio de boi. Quem estiver em Matinhos e Caiobá pode se divertir ao som das bandas Matimbanda e Caiobanda, que se revezam desde o início da noite até a madrugada, fazendo a alegria dos foliões. Já em Guaratuba, o destaque é a Banda de Guaratuba. Nos balneários de Pontal do Paraná também haverá muita festa ao som de trios elétricos. Já para quem preferir um roteiro mais tranquilo, as opções são o Parque Nacional de Superagui e a Ilha do Mel.

Na Região Metropolitana de Curitiba e nos Campos Gerais há ótimos hotéis fazendas e pousadas. É uma oportunidade para descansar em contato com a natureza. Também existem opções para quem não quer viajar. Aproveite os dias de folga para passear nos parques e pontos turísticos da cidade. Em alguns clubes, há matinês e bailes infantis. Pode ser uma boa oportunidade para tirar a criançada de casa e gastar as energias. Já se você odeia carnaval e quer fugir da bagunça, a alternativa é apostar em uma viagem internacional. Enquanto o Brasil está parado para comemorar o feriado, a maioria dos países nem sequer comemora a data. Com uma boa pesquisa (existem inúmeros sites que podem te ajudar) é possível comprar passagens aéreas e reservar hotéis por um preço mais acessível. Independente de sua escolha, aproveite ao máximo os dias de folga com as dicas que a Folha da Mulher traz para você. Descanse e curta bastante, pois o próximo feriado será apenas dia 6 de abril, na Sexta-Feira Santa. E você? O que vai fazer no Carnaval? Comente em nossa página no facebook: www.facebook.com/folhadamulher


Folha da Mulher

4

Campo Largo - Fevereiro 2012

BEM-ESTAR Silmara Pawluzyk Publicitária e Web-writter

silx10@gmail.com

Ô Abre Alas! Que a alegria quer passar...

C

arnaval, Brasil... Brasil, carnaval. Apesar da associação quase instantânea entre nosso país e a maior festa popular do planeta o carnaval nasceu bem longe daqui, lá nas terras gregas e romanas, ainda na antiguidade. Trazido para cá por europeus na época da colonização não demorou muito para adquirir características próprias, resultantes da grande variedade cultural que encontrou por aqui. Atualmente nosso carnaval é conhecido por ser o mais animado do mundo. Impossível não concordar. Mas uma coisa não mudou desde suas origens: o objetivo sempre foi a diversão! Não importa se acompanhando os desfiles das grandes escolas de samba, dançando ao som das antigas marchinhas carnavalescas, admirando as fantasias dos velhos concursos – luxo e originalidade, quem se lembra disso?– ou se jogando atrás do trio elétrico: atire a primeira pedra quem nunca participou, mesmo que indiretamente,

desses quatro dias de folia! Concordo com quem diz que o carnaval como é feito hoje nas cidades tradicionalmente conhecidas pelos desfiles de escolas e blocos transformou-se em uma grande indústria, onde ing re s s o s e abadás são vendidos a preço de ouro... Sim, é verdade. Mas para felicidade das almas festeiras existem ainda opções muito divertidas e bem mais acessíveis. Em muitas cidades do interior e também do litoral o carnaval é animadíssimo e democrático. Muitos pierrôs apaixonados por suas colombinas, muito confete e ser-

pentina! Ficou com vontade? Improvise uma máscara, uma flor no cabelo

ou uma maquiagem fora do comum com muito brilho e caia na folia! Deixe aflorar a criatividade!

Se já está com a aquela fantasia pronta para participar de um bloco com amigos, aí a previsão é de diversão garantida - ou seu dinheiro de volta! Independente de onde esteja deixe a alegria tomar conta de você! Saia, brinque, divirta-se, cante, dance... Para quem gosta de folia, quatro dias passam rápido demais... Então aproveite da melhor maneira possível para que seu carnaval não termine antes da hora. Cuidado com excessos... Não esqueça que, acabada a folia, a vida volta ao normal. Há quem diga que o ano só começa realmente depois do carnaval e também que existem os que se aproveitam da festa para tirar a máscara. Pois é... Eu não duvido. E você? De qualquer maneira - com ou sem fantasia, em casa ou longe dela – que todas tenham um ótimo e divertido carnaval. Com ou sem máscaras.

Mullher MIX Thais Maistrovicz Alves Empresária

contato@rosamix.com.br

(41) 3032.2807 | 3393.4764

Maxi Anéis Uma super tendência

H

á muito tempo os anéis vem sendo o queridinho das mulheres e com o passar dos anos mudam sua aparência e ganham uma infinidade de modelos. São acessórios que deixam as mãos femininas muito mais charmosas e atraentes. A tendência do momento é exagerar e os maxi anéis estão com tudo, trazendo muitas pedras e formatos de laço, flores, bichinhos, caveirinhas ou ainda estilo soco inglês, que é o must da estação. Esses anéis tem o poder de incrementar produções e trazer muita sofisticação ao dia a dia. A regra é simples, pode misturar tudo, materiais modelos e tamanhos, ou seja, quanto mais

anéis melhor. Portanto, solte sua imaginação e crie diferentes MIX de anéis para esbanjar estilo nas mãozinhas.

Anéis de varias formas e tamanhos e com muitas pedras.

Mix de combinações, escolha seus preferidos.

Anéis estilo soco inglês. A grande tendência da estação.

Rua XV de novembro, 2100, lj 5 (próximo a Pernambucanas) www.rosamix.com.br


Folha da Mulher

Campo Largo - Fevereiro 2012

5

MODA Suliane Vieira

Estudante de Design e Moda

suliane@folhadamulher.com.br

www.biscoitofashion.com

O abadá perfeito para você Afinal ninguém merece pular carnaval sem estar arrasando no visual

D

epois que crescemos dificilmente voltamos a usar fantasias no carnaval. As festas dificilmente voltam a ser comemoradas em clubes e quando são, costumam ser mais requintadas e o look escolhido geralmente é

como outros usados durante o ano. O habitual mesmo é passar o carnaval na praia ou então em blocos de rua, e para esses eventos nada melhor que um look mais descontraído. Nessa época, vários eventos

costumam exigir o uso de abadás e daí vem a dúvida, como usá-lo? Devo customizá-lo? Ele não deve necessariamente ser customizado, mas ir com ele no formato original, camiseta, não contribui muito para criar um belo visual, não é mesmo?

Então, para ajudá-las a arrasar na produção e aproveitando que essa é um edição especial de carnaval da Folha da Mulher, resolvi ensinar você leitora a criar uma saia, um vestido e uma blusinha mais fofa partindo de um simples abadá.

Saia Esse é o meu preferido de todos, pois é realmente muito simples e fica uma graça. Primeiramente costure a ponta das mangas, fechando-as, e faça a barra no tamanho desejado. Coloque as mangas para dentro, criando um bolso. Vista-a deixando a gola na cintura associando com a blusinha que desejar.

Vestido Blusa Existem várias formas de tornar seu abadá uma blusinha, deixando-a tomara que caia, de um ombro só, regata, entre outras. Para fazer a blusinha da foto corte fora as mangas e crie um decote mais profundo. Com fitinhas coloridas trance as mangas. Coloque o shorts ou saia que preferir e vá curtir o carnaval.

Para criar o vestido com abadá, procure pegar o maior número que tiver, isso impedirá que fique curto demais. Corte as mangas, ombros e gola da camiseta. Se necessário, ajuste-a. Prenda a parte superior dele em um biquíni tomara que caia. Está pronto para vestir.


Folha da Mulher

6

Campo Largo - Fevereiro 2012

COZINHA & CIA Giovanni Pangrácio

contato@giovannipangracio.com.br

41 3292.1527

Chef de Cozinha

»Palavra do Chef

O

lá! Bem vindos à segunda edição da minha coluna. Estou muito animado em receber o retorno de vocês da pri-

meira publicação, isto fez com que eu escolhesse muito bem o que escrever para vocês hoje. Bom, sempre me perguntam no restaurante e até mesmo nos eventos, qual o “segredo” de deixar a comida com gostinho de “comida caseira”. Eu sempre respondo que a

comida é caseira, eu uso temperos que você usa em casa : sal, alho e cebola… Nada de mais aditivos e nem conservantes, amaciantes ou outros “antes” encontrados nas prateleiras de supermercados. Uma boa seleção dos ingredientes

também é um “grand truque”. Sempre dedico uma boa parte da preparação de cardápios e dos eventos na compra de ingredientes frescos e de fornecedores com procedência. Então vamos ao que interessa…

»Truques do dia a dia | | LEGUMES COZIDOS COM CORES VIVAS

Quando os legumes estiverem

cozidos, retire do fogo, escorra-os e coloque-os em uma tigela com gelo. Dessa forma interrompemos o cozimento, deixando-os

»Dê um toque Nesta edição eu estou colocando dicas que eu uso em minha cozinha para você dar um toque em seus pratos preparados em casa. Ao fritar peixe, coloque um raminho de salsa no óleo de frigideira. Além de ficar mais saboroso, o cheiro ficará muito melhor!

no ponto certo e suas cores ressaltadas.

Várias pessoas comentam que não conseguem deixar a carne de panela com uma cor bonita. O segredo está na hora de refogar, vou dar o passo a passo… vamos lá! - Compre a carne de sua preferência e corte no tamanho desejado; - Coloque o óleo no fundo da panela de pressão e coloque a carne; - Tempere com cebola, alho e sal. Coloque os temperos em cima da carne, mas não mexa! - Acenda o fogo, coloque a tempa e deixe-a semi-aberta; - A carne começa a desidratar e soltar um líquido. NÃO MEXA! Deixe assim por uns 40 minutos. - Formará uma borra no fundo da panela. E o segredo está bem aqui, não mexer a carne, até for-

mar esta borra. - Assim que a borra se formar, acrescente uma cebola grosseiramente picada , mexa a carne e tampe a panela parcialmente. - Assim que corar a cebola, cubra com água fervente até cobrir a carne e mexa BEM, para a borra se misturar com a água. - Tampe a panela e conte 30 minutos de pressão depois que chiar. - Pronto! Cubra com salsinha e cebolinha e sirva! Hummmmm


Folha da Mulher

Campo Largo - Fevereiro 2012

7

BELEZA Caroline Bosi Beatriz

Jornalista

carolbosi@gmail.com

Cabelos hidratados o ano todo Para você aproveitar ao máximo a temporada de verão, a Folha da Mulher traz uma série de dicas para deixar seus cabelos mais hidratados e saudáveis

S

ol, praia e piscina têm tudo a ver com o verão, férias e carnaval. Fala-se muito em proteção, cuidado com o sol e, a cada ano, surgem novos produtos para proteger e hidratar a pele e os cabelos. O cabelereiro do Salão Marly de Campo Largo, Murilo Perly, afirma que os cuidados com o cabelo não devem ser apenas reparativos, quando os fios já estão muito danificados, mas sim preventivos. “O ideal é fazer uma cauterização antes de viajar e após voltar da praia. Durante as férias, é bom manter a hidratação com o uso de máscaras apropriadas para cada tipo de cabelo”, explica. A cauterização é uma reestruturação capilar, que faz a cicatrização das cutículas do cabelo através de hidratações com produtos especiais. A principal função é recuperar a elasticidade do cabelo, já que o tratamento age do córtex até as cutículas, por dentro do fio. Ou seja, a cauterização é uma hidratação profunda que sela as escamas dos fios e suaviza as pontas duplas, o que permite eliminar o aspecto arrepiado dos cabelos. Murilo alerta que cada tipo de cabelo requer um

tratamento específico. Para cabelos danificados, com mechas ou tingidos, a cauterização é suficiente para deixar os cabelos hidratados e com aspecto saudável. Já para cabelos crespos, o ideal é fazer a cristalização. “Primeiro é feita a cauterização e depois uma hidratação com máscara simples. Isso vai ajudar a melhorar o brilho dos fios”. Para cabelos finos, que embaraçam com f a c i l i d a d e, o tratamento mais indicado é o anti-envelhecimento, que faz uma

reconstrução dos fios. Já para os cabelos normais, Murilo dá uma super dica: “in-

vista em produtos profissionais para uso diário. Fuja um pouco dos produtos comprados em farmácias e supermercados. Você vai gastar um pouco mais, mas os resultados compensam o investimento”. Cabelos livres de sal e cloro Os dias ensolarados são um convite para um mergulho no mar e um banho de piscina. Os cabelos, assim como o corpo, também necessitam de proteção. Existem filtros solares específicos para cabelos que de-

vem ser usados toda vez que houver exposição prolongada ao sol. “Assim que voltar da praia, o ideal é lavar o cabelo para tirar todo o sal e areia e fazer uma hidratação”, diz Murilo. Segundo o cabeleireiro, a hidratação pode ser feita após o banho. “Após lavar bem os cabelos, passe a máscara em mechas, dando uma atenção especial para as pontas. O importante é respeitar o tempo de pausa do produto, que é de cerca de 10 minutos. Esse tempo está escrito na embalagem”, ressalta. Um erro muito comum é ficar muito tempo com o creme no cabelo. “As pessoas aplicam o creme e vão lavar louça, limpar a casa e acabam passando o dia com o produto no cabelo. Isso é errado, porque o creme tem álcool, que acaba ressecando e abrindo as cutículas, ao invés de hidratar”, alerta Murilo. Para quem não abre mão de uma piscina, a dica é usar um leave in no cabelo ainda seco para proteger os fios dos efeitos do cloro. “Uma vez por semana, é recomendado usar o shampoo silver (aquele roxo), que tira o amarelado causado pelo cloro”, afirma Murilo.


Folha da Mulher

8

Campo Largo - Fevereiro 2012

SUA CASA

Projetando

por Florença - Ambientes Projetados

Belisa Guelmann

Arquiteta | CREA 111906/D

Mantenha o seu móvel sempre novinho Na coluna projetando deste mês, vamos falar sobre alguns cuidados básicos que você pode ter para aumentar a durabilidade e o charme dos seus móveis. No momento da limpeza, procure sempre utilizar um pano macio para retirar o pó, ou moderadamente umedecido com água pura ou solução com sabão neutro. Para a remoção de gorduras em peças que não são pintadas, deve-se umedecer levemente uma flanela com álcool, friccionar sobre o local e, em seguida, passar uma flanela seca para remover os resíduos do álcool. A evaporação rápida do álcool diminui a possibilidade de provocar corrosão das ferragens dos móveis, como ocorre com a água. Produtos como escovas, esponjas de aço e outros abrasivos não podem ser utilizados, pois eles podem arranhar a pintura ou deixar fosca alguma parte brilhante. Outra observação importante e que ajudará a garantir a integridade de seus móveis, é deixá-los sem exposição direta aos raios solares. Acessórios de metal (cromagem) Quando for limpar, use um pano seco e limpo para remover poeiras das peças. Quando necessitar

de limpeza maior, utilizar apenas pano úmido com um pouco de detergente neutro, com posterior enxague e secagem das peças. Não manusear os aramados com as mãos sujas de sal ou temperos (quando utilizar na cozinha). Lembretes - As ceras, como a carnaúba, que são utilizadas tradicionalmente para a conservação e o embelezamento de madeiras, não tem efeito nos móveis pintados ou revestidos, pois essa camada evita a penetração de qualquer produto. Em alguns casos, elas podem danificar o móvel. - Evite colocar panelas, formas, assadeiras e demais utensílios quentes ou aquecidos diretamente sobre os tampos. Isso pode causar danos como bolhas, queimaduras ou descolamento do revestimento. - Evite o excesso de vapor das panelas bem como o excesso de gordura. Ambos causam, respectivamente, o descolamento e o engorduramento dos módulos, principalmente os localizados próximo ao fogão. - Se houverem respingos ou cair água sobre o módulo durante o uso ou limpeza, enxugue imediatamente, prevenindo sua degradação.

arqbelisaguelmann@gmail.com

Santa tecnologia! Use e abuse sem limites para a criatividade

O

Imagem divulgação.

lá! Vamos falar de ro. Para áreas externas, escadas, ramnovidades? Com pas e locais em contato com água certeza todas já devemos optar por materiais com ouviram falar da imagem coeficiente de atrito acima de 0,8. em alta definição, mas nem Para os demais ambientes podemos todo mundo sabe que esta optar a partir do CA 0,4. novidade invadiu também Já o PEI mede a resistência do o mercado da decoração. material quanto ao tráfego. Peças As principais emprecom o valor mínimo, 0, são exclusisas de revestimentos estão vas para paredes. Já as peças com o apostando nas estampas índice máximo, 5, suporta altíssimo que reproduzem perfeitrânsito de pessoas, ideal para espatamente materiais como ços comerciais. concreto, madeira e pedra. Em caso de dúvida, sempre vale A vantagem é poder utiliperguntar para o vendedor se o reO porcelanato que lembra a textura do concreto zar o efeito desses materiais compõe um ambiente minimalista e contemporâneo vestimento escolhido está coerente em todos os lugares, sem ter com seu uso. E uma dica: porcelaque se preocupar com as limitações onde começar a escolher os reves- natos sem brilho disfarçam mais os de uso. E aí é só dar asas a sua imagi- timentos, mas existem umas regri- riscos. Espero que tenham gostado nação! Que tal um box com o efeito nhas básicas que podem auxiliar na das dicas. Um beijo e até breve! aconchegante da madeira? hora da decisão. Sem- Imagem divulgação. Outra super novidade são os pre respeitar a indicaporcelanatos de baixa espessura ção do fabricante sobre (entre 3 e 6 mm) que estão fazendo o uso do material é a a cabeça de quem está reformando. principal. Nas embalaA vantagem? Você pode assentá-lo gens estão especificados sobre o material existente, evitando alguns termos técnicos o quebra-quebra e reduzindo a su- que nos ajudam a acerjeira e o tempo da reforma. E ainda tar o porcelanato. Para carregam a resistência dos demais saber o quanto sua suporcelanatos, mas vale lembrar que a perfície é antiderrapansua resistência depende de uma boa te, devemos observar instalação. o coeficiente de atrito O porcelanato que imita madeira aquece e torna São tantas opções no mercado (CA). Ele vai de 0 a 1 e, aconchegante o quarto de banho que fica até complicado saber por quanto maior, mais áspe-

Av. Vereador Arlindo Chemin - nº 95, sala 4 - Centro - Campo Largo/PR 41 3292.1000 | www.florencaprojetados.com.br

Organizando sua vida

aline@vovodolar.com.br

Voltando à rotina dos filhos na escola

A

Fevereiro, mês da volta às aulas. Os gastos com material escolar estão quase finalizados, ufa!

gora é colocar tudo em ordem e fazer a entrega do material de uso comum na escola. Leve uma lista com todos os itens e peça para a professora conferir e retornar com a lista assinada. No material individual coloque etiquetas para facilitar na organização, reaproveite o que ainda estiver em condições de uso e padronize com detalhes para que possam ser reconhecidos com facilidade. Deixe seu filho participar deste momento de organização para que ele possa sentir-se responsável em zelar pelo investimento que a família está fazendo em sua educação. Pode acreditar: a responsabilidade não é pesada demais. O que levar na mochila?! Que dúvida cruel! É mais ou menos como

organizar “bolsa de mulher”, mas vamos tentar pensar em um modo para facilitar as coisas. Faça uma lista do que você acha que é essencial, dentro das necessidades da faixa etária de seu filho, coloque tudo em cima da cama e depois de tudo exposto, refaça a lista. Quando visualizamos, acabamos por deixar somente o que é essencial; se vamos só colocando na mochila, exageramos. Com todo material arrumado e etiquetado, organize a mochila de maneira que seu filho não tenha problemas com o excesso de peso, pois a saúde sempre está em primeiro lugar. Pergunte ao pediatra qual o peso da mochila que seu filho pode carregar. Use uma balança e veja quantos quilos seu filho vai carregar e se es-

tiver muito cheia descarte mais algumas coisas. Explique ao seu filho o que está fazendo, em detalhes, para que ele possa se achar sozinho. Agora sim, a mochila está pronta e organizada. Se seu filho já souber ler, prepare uma lista com os itens que serão necessários a cada dia e passe a tarefa de organizar e conferir para ele, depois dê só uma olhada e elogie sempre.

Dica Vovó do Lar para o primeiro dia de aula: Escreva um bilhete carinhoso dizendo o quanto quer vê-lo crescer neste ano e que o ama muito, (mesmo que ele seja um adolescente e diga que foi um mico), pode ter certeza: ele vai gostar.


Folha da Mulher

Campo Largo - Fevereiro 2012

9

ATIVIDADE FÍSICA Glênio Stival Gaspari

Profissional de Educação Física CREF: 011901G\PR

glenio@academiaunica.com.br

41 3393.2848

www.academiaunica.com.br/blog

Abusei. E agora?

Saiba o que você pode fazer para se manter saudável depois dos exageros

Q

uando falamos em festas de final de ano a maior parte das pessoas lembram de apenas uma coisa: abusos. Exageram nas comidas e nas bebidas alcoólicas, cometem pecados gastronômicos sem o menor peso na consciência afinal para muitos “é férias e já está terminando o ano mesmo!”, quase sempre este pensamento vem seguido da ideia de que ”ano que vem eu me cuido!”. Daí chega o carnaval e tudo volta a se repetir. Se a pessoa não pratica exercícios físicos regulares, e é vítima de cair na tentação de comer e beber descontroladamente nas festas, a história se torna ainda pior e mais perigosa, pois estamos falando de alimentos nocivos para saúde, altamente calóricos, que contribuem para um quadro de hipertensão, aumento de colesterol, diabetes e obesidade. Enquanto que, se praticamos qualquer atividade física moderada, durante 30 minutos por dia, estaremos combatendo alguns dos efeitos nocivos à saúde de uma alimentação abusiva durante estes dias de festa.

Uma dica que costuma funcionar para esses dias é procurar ‘beliscar’ alguma coisa saudável antes de sair de casa, para não chegar na festa com a barriga ‘roncando’, desta forma sobra mais tempo para o social. Na hora de sentar a mesa, primeiro busque as saladas pois as fibras ajudam no funcionamento do organismo e aumentam a sensação de saciedade. Quanto as carnes, de a preferência as carnes magras, como por exemplo carne de peru ou o peixe. Outros alimentos típicos no natal (que deveriam ser consumidos diariamente), como nozes, castanhas e frutas secas, são ricos em ômega 3, uma forma de “gordura boa”, que favorece o funcionamento do coração e auxiliam no controle do colesterol, mas que devem ser consumidos em pequenas quantidades. Se você foi capaz de ter o autocontrole e resistir as tentações das festas meus sinceros parabéns! Agora se você não conseguiu controlar as suas vontades, quem sabe agora seja aquela hora em que você prometeu se cuidar! Mas vamos com calma, ok?

O primeiro passo, é você buscar orientação médica. Um check up completo pode ser capaz de detectar qualquer irregularidade do funcionamento do organismo, e em muitos casos detectar uma doença ainda em sua fase inicial, esse é o grande trunfo dos médicos através de seus diagnósticos. Um exemplo, é o teste ergométrico, que revela em até 80% dos casos, onde se tem obstrução arterial, por isso este exame está em todas as listas de check up dos grandes centros médicos, também é o teste mais solicitado por profissionais de educação física para orientação de exercícios. Outros testes que são essenciais para quem vai iniciar um programa de atividade física: exame de colesterol e triglicérides, densitometria óssea, eletrocardiograma, glicemia, pressão arterial, TSH e raio-x do tórax. Se você não vai ao médico a mais de 1 ano, procure orientação e converse com seu médico sobre a importância desses exames. Após o médico certificar que a sua saúde está dentro da normalidade, chegou a hora de consultar

com o nutricionista, para que sua alimentação seja avaliada e balanceada com base nas suas necessidades. O nutricionista, tem papel fundamental na promoção de saúde as pessoas, através de uma alimentação equilibrada, após análise dos dados clínicos do paciente. A partir deste momento, você está totalmente preparado para começar a exercitar-se de forma saudável e sem riscos. Para isso, procure um profissional de educação física de sua confiança. O seu treinador, deverá interpretar todos os exames feitos até este momento e montar um programa de exercícios prazerosos que respeitem suas limitações, atento também

Imagem reprodução.

ao gasto calórico gerado para não interferir na dieta prescrita pelo nutricionista. Em alguns casos podem ser necessários alguns ajustes na alimentação, mas que devem ser feitos com o consentimento do nutricionista. Vale lembrar, que o ideal é buscarmos um equilíbrio entre alimentação saudável, exercício físico regular e algumas boas horas de sono, assim estaremos elevando nossa qualidade de vida e minimizando os riscos de saúde causados pela vida moderna.


Folha da Mulher

10

Campo Largo - Fevereiro 2012

ARTE & CULTURA

Sugestões de Livros

Eva Andreassa Soares

por Livraria e Revistaria do Zeca

Professora de Música

COMO TER UMA SEGUNDA LUA DE MEL COM O MESMO MARIDO (Shannon e Greg Ethridge) Vocês se casam, uma cerimônia mágica e partem para a lua de mel. Passear de mãos dadas, assistir o nascer e o pôr do sol, cujo colorido nunca foi tão vibrante e acolhedor, dedicar 24 horas do dia ao outro, sentir-se mais amada do que nunca. Um momento de puro romance, harmonia, união, e amor. Mas é só voltar para casa para perceber que o felizes para sempre dura bem menos do que você pensava. A partir de histórias reais, contadas por homens e mulheres, e também das lições extraídas de seus insatisfatórios anos de casamento, eles oferecem a você profundos insights sobre como nutrir uma união dinâmica e feliz.

evaandsoares@gmail.com / duettoescolademusica@gmail.com

Samba...

O brilho da música brasileira

AUTO-ESTIMA - NOSSA FORÇA INTERIOR (Luis Rojas Marcos) Nas páginas desta obra, Rojas analisa a auto-estima e descreve os fatores que influenciam o ser humano na realização de sua auto-avaliação. O autor também faz uma análise da influência da auto-estima na vida de cada um e os mecanismos usados pelas pessoas para defendê-la. Um livro vital para esclarecer pontos sobre a personalidade humana.clínica, inicia o livro em busca de respostas. O PODER DO AGORA (Eckhart Tolle) Nós passamos a maior parte de nossas vidas pensando no passado e fazendo planos para o futuro. Ignoramos ou negamos o presente e adiamos nossas conquistas para algum dia distante, quando conseguiremos tudo o que desejamos e seremos, finalmente, felizes. Essa é mensagem simples, mas transformadora de Eckhart Tolle: viver no Agora é o melhor caminho para a felicidade e a iluminação. Combinando conceitos do cristianismo, do budismo, do hinduísmo, do taoísmo e de outras tradições espirituais, Tolle elaborou um guia de grande eficiência para a descoberta do nosso potencial interior.

Rua Centenário, 2535

(41) 3032-3605

...Q

uem não gosta de samba, bom sujeito não é... é ruim da cabeça ou doente do pé... Em um desses aeroportos, onde você fica tantas horas a espera da sua conexão, que até perde a noção do tempo, pude perceber claramente tudo o que sempre penso do poder acalentador da música. Ali, via pessoas de muitos países, nessa magia da globalização... Eram executivos com seus

mini computadores, alheios a tudo; eram mulheres despojadas de vaidade e outras tão mais velhas e tão mais elegantes, eram crianças para quem o tempo ali não fazia a menor diferença, pois corriam soltas sem limites e sem pais censurando-as, e eram, principalmente, jovens despojados de timidez e com seus instrumentos, sentados contra uma grande janela, dedilhando e cantando lindos sambas e belas marchinhas de carnaval. Estavam ali, sem reclamar do tempo ou do desconforto, sentados no chão, emendando uma música na outra, alguns pacotes de salgadinhos, algumas latas de refrigerante e muita música na alma. Cantavam e encantavam, as pessoas passavam, paravam e cantavam junto e seguiam, pegando seus vôos e com certeza, muitos invejando aquela alegria toda, aquele espírito jovem e animado. Fiquei a pensar no que passaria na cabeça dos transeuntes: o grande executivo que trocaria seu

alto salário por esse dom? A velha senhora que invejava aquela juventude toda, lamentando nunca ter tocado e cantado? O homem maduro que perdeu a oportunidade, quando menino, e teve nas mãos um instrumento e não se dedicou? A criança que quer ser igual a eles e ser feliz cantando? Alguns estrangeiros paravam, fotografavam, comentavam. Com certeza chegariam nos seus países contando que ouviram samba fora do Brasil! E samba da melhor qualidade, tocado e cantado por jovens aprendizes, mochileiros, descompromissados e sem medo de ser feliz! Na minha cabeça só passava o orgulho desse povo brasileiro que canta e encanta com seus sambas, suas marchas, seu carnaval. Nitidamente percebia naquele saguão quem era brasileiro: suas mãos batiam no ritmo, seus pés acompanhavam em batidas rápidas e seguras, seus olhos vibravam! Temos ritmo, temos alegria, temos música na alma e no pé! Sei bem que nossas horas passaram ligeiro e que logo, muito rápido, na janela atrás deles baixou um tom púrpuro maravilho, anunciando o fim de mais um dia. Nossa espera foi recheada de música e nosso entardecer tinha magia e encantamento!


Campo Largo - Fevereiro 2012

Folha da Mulher

11

ESTÉTICA


Folha da Mulher

12

Campo Largo - Fevereiro 2012

PETS Dra Kátia Schmidt Médica Veterinária

kalufems@yahoo.com.br

(41) 3393.3623 | 3292.2158

Seu pet e os dias quentes parte 2 Pulgas, carrapatos e algumas doenças aumentam nesse período

E

m nossa última conversa, falamos um pouco sobre os cuidados básicos que você deve ter com seu animalzinho de estimação durante o verão, lembrando da importância de mantê-lo hidratado e em lugares frescos, além de evitar as atividades físicas intensas, como longas caminhadas sob o sol. Na edição deste mês, vamos continuar no tema, mas trazendo alguns males que podem incomodar seu melhor amigo neste período, mostrando como você deve agir quando acontecem e como você pode prevení-los. Durante o verão é mais comum a proliferação de pulgas e infestação por carrapatos. Nesse período,

os banhos devem ser menos frequentes, visto que eles diminuem o período de ação da maioria dos produtos usados no controle dos ectoparasitas. Na hora do banho, é muito importante observar se existe ou não a presença de parasitas, possíveis lesões por picadas, áreas avermelhadas pelo corpo. No caso da presença, deve-se procurar um veterinário para fazer a indicação da aplicação dos preventivos e antiparasitários e de exames de sangue se necessário. Uma boa sugestão é manter a pelagem do animal curta, que vai ajudar na visualização de possíveis pulgas ou carrapatos. Os cães também sofrem com as picadas de insetos que, além de provocar incomodo, podem transmitir

doenças. As regiões mais atacadas são as sem pêlos, como a ponta de nariz, as orelhas, ao redor dos olhos e abdômen. Coceira intensa no local pode indicar as lesões de picadas, que não devem ficar expostas, porque podem atrair moscas que depositam suas larvas, provocando infecções que trazem incomodo aos animais. Além disso as moscas podem depositar suas lavas em qualquer parte da pele, mesmo sem ferimentos, que são os conhecidos bernes. Para todos esses casos, existe a possibilidade de prevenção com coleiras e sprays repelentes, com controle dos mosquitos usando telas nas janelas, controle de lixo e água parada e outros resíduos ambientais que

possam atrair esses insetos. O período de chuvas também aumenta a incidência de leptospirose, doença transmitida pela urina de ratos e que é disseminada por enxurradas e alagamentos. Para prevenir essa virose o animal deve ser vacinado regularmente e caso entrar em contato com águas de inundação e apresentar sintomas como febre alta, apatia, diarréia e vômitos, o encaminhamento médico deve ser imediato. Por fim, o importante é ficar atento a possíveis alterações no corpo ou no comportamento de seu pet. Qualquer dúvida, procure um veterinário e garanta o bem-estar de seu amigo em todas as épocas do ano.

A Linguagem Canina Os cães têm vários tipos de latidos. Basicamente, pode se expressar 3 coisas: um pedido, um aviso ou uma ameaça de ataque. Quando os latidos tem intervalos longos do tipo “au... au... au”, com uns 15 segundos entre os latidos, é porque seu cão esta pedindo algo, como água, comida ou quer dar uma voltinha. O latido de alerta ou de advertência é dado sempre que um estranho se aproxima e você pode conferir se ele abaixar um pouco as orelhas, franzindo o nariz e as vezes rosnando. O latido tem intervalos menores entre um e outro, mais ou menos uns 3 segundos. Agora se ele disparar a latir como um doido, praticamente sem parar, é latido de ataque, ele quer defender seu território, seu dono, sua comida ou até sua fêmea. A cara fica toda franzida, os dentes a mostra, as orelhas rebaixadas para trás e ele pode avançar e recuar, pronto para morder.

A coluna “Eu amo meu pet” de fevereiro traz as leitoras Aline Moraes e Larissa. Elas mostraram o quanto gostam de seus cãezinhos e saíram bem na foto! Mande você também a sua foto para o e-mail contato@folhadamulher.com.br, mostre o amor pelo seu pet e saia nas próximas edições!

Aline e o seu cãozinho Marley. Ela adotou ele ainda quando Larissa com a Luna, uma filhote de Border Collie. Larissa filhote, na feirinha de adoção da Sociedade Protetora dos tem 18 anos e é caloura de arquitetura pela Universidade Animais. Agora ele já está com 1 ano e 4 meses. Positivo.


Folha da Mulher

Campo Largo - Fevereiro 2012

A coluna da mulher moderna.

Charme

COM A PALAVRA GLADIS CHEMIN MIRÓ

13

Gladis Chemin Miró Federada a FEBRACOS

charme@folhadamulher.com.br

Olá, tudo bem queridas leitoras? Um beijo todo especial à vocês que sempre elogiam a coluna Charme. Ela foi criada para vocês mulheres maravilhosas. Sempre com o objetivo de evidenciar as mulheres que se destacam em Campo Largo, este mês conversei com Terezinha Gionedis Zanlorenzi, onde ela relata tudo sobre o seu empreendimento. Espero que curtam a coluna, assim como eu curti em fazer. Beijos!

ESPECIALMENTE PARA A COLUNA CHARME A EMPRESÁRIA

TEREZINHA GIONEDIS ZANLORENZI A memória mais remota da campolarguense Terezinha Gionedis Zanlorenzi são as palavras do falecido sogro, Carlos Zanlorenzi, comentando com orgulho sobre a quantidade de garrafões de vinho produzidos de forma artesanal que havia vendido no dia. Naquela época – década de 40 – a família residia no espaço que hoje abriga a moderna loja da companhia, inaugurada em novembro do ano passado. De lá pra cá, muita coisa mudou na vida da empresa e também na de Terezinha. Atualmente, a Famiglia Zanlorenzi Grupo Vinícola, que em abril completa 70 anos, é a maior empresa de vinhos de mesa do Brasil e detentora da mais moder-

na e ágil linha de envase da América Latina com um portfólio de mais de 60 produtos. Além disso, conta com o amplo conhecimento de Terezinha na bancada de acionistas, acompanhando o crescimento da empresa – tarefa que assumiu em parceria com o filho Giorgeo após o falecimento do marido. A pisciana divide sua rotina entre seus maiores prazeres, as reuniões familiares, suas viagens pelo mundo e o trabalho na companhia, onde cumpre expediente às terças e quintas-feiras. Obviamente, os roteiros preferidos são as vinícolas, entre elas as localizadas na Argentina - especificamente em Men-

doza -, na Itália, e na região de Champagne na França, para onde embarca na metade deste ano. Este é o seu grande hobby, viajar, conhecer e aprender. O know how adquirido em viagens e em conversas com envolvidos no segmento permite que Terezinha cresça profissionalmente e contribua com o crescimento da empresa que praticamente viu nascer. Seu grande orgulho é a fase atual da Famiglia Zanlorenzi, moderna e em constante evolução. E é com base nisso que ela traçou suas metas: continuar presente no cotidiano da companhia, participando dos lançamentos de novos produtos e mantendo o passaporte sempre atualizado.

Terezinha acompanhando a equipe da Famiglia Zanlorenzi na Safra 2011, em São Marcos na Serra Gaúcha.

Envase do Espumante Baccio.

Terezinha degustando sua bebida preferida: espumante Baccio Moscatel.

Terezinha, Giorgeo e a matriarca Julia Zanlorenzi na inauguração da antiga loja da fábrica. Sr. Carlos e Julia Zanlorenzi.

Loja na década de 70.

Nova loja em 2011.


Folha da Mulher

14

Campo Largo - Fevereiro 2012

SAÚDE Fabiana Küster

Farmacêutica e Bioquímica, especialista em Farmacologia, Homeopatia e Farmácia Magistral – CRF PR 13976

kuster.fabiana@gmail.com

(41) 3292.5388

Em dias quentes: corpo hidratado

A importância de ingerir água e outros líquidos no verão

C

om as elevadas temperaturas da estação mais quente do ano, muito se fala na importância da ingestão de líquidos, pois as pessoas perdem uma maior quantidade de líquido através do suor e estão mais propensas à desidratação. Um corpo desidratado não tem água o suficiente para executar suas funções normais, provocando fraqueza, fadiga, tonturas e alguns casos mais graves, oferece risco de vida. Para se chegar no consumo ideal de água por dia, pesquisadores consideram a soma da água proveniente de líquidos (água e bebidas), 81%, com a água existente nos alimentos, 19%. Desta forma, em média, devemos consumir cerca de 2 a 3 litros/dia por meio da ingestão de líquidos e 70 ml/dia referente à água dos alimentos. Portanto, a recomendação de ingestão adequada de água total é de 3,7 litros para homens e 2,7 litros para mulheres por dia, para a faixa etária de 19-70 anos. Porém, a quantidade ideal varia de acordo com a idade, altura, peso, estrutura e atividades diárias. Por exemplo, em pessoas que praticam atividades físicas ou que ficam

expostas a altas temperaturas, é necessário aumentar a quantidade de água total recomendada. Outra exceção são as pessoas portadoras de doenças renais ou outras patologias, onde a ingestão de líquidos deverá ser orientada por um médico. No verão é comum transpirarmos bastante e, com isso, o nosso corpo perde muito líquido, na forma de água e sais minerais, portanto, é de extrema importância tomar bebidas como água mineral, água de côco e sucos de frutas para manter o corpo hidratado e evitar problemas de saúde. Conforme observamos, muitas vezes por experiência própria, nesta época os episódios de diarréias e viroses é mais recorrente. Um organismo bem hidratado e nutrido resiste com maior facilidade a estes episódios. Desta forma, é fato que quem consome água de forma regular durante o dia ajuda o corpo a funcionar melhor e previne problemas de saúde, especialmente no verão. Segundo a

Associação Médica Brasileira de Ortomolecular, “A água tem um papel regulador de muitas funções de nosso organismo, desde o controle da temperatura até o bom funcionamento do sistema circulatório”. Por isso, os cuidados com as crianças e os idosos devem ser redobrados durante o verão. Os mais velhos costumam não sentir sede, já os pequenos muitas vezes esquecem o que é sede. Com isso, é necessário oferecer a eles água e outros líquidos em diversos momentos

do dia. Vale lembrar que não devemos esperar sentir sede para ingerir líquidos, pois a sede já é um sinal de desidratação. Sol, calor, praia. Esta é uma época propícia para lazer e para aproveitar os dias com qualidade de vida e sem desidratação. Beba muitos líquidos. Seu corpo vai agradecer.


Folha da Mulher

Campo Largo - Fevereiro 2012

15

SAÚDE Dra. Andrea de A. Campos CRO 21373 Dra. Adriane Campos Moro CRO 16445

UTILIDADE PÚBLICA

jm.a@ibest.com.br adri.caroline@hotmail.com

41 3032.1006

Dr. José Márcio S. da Silva. CRO 21370

Implantes dentários: reconstruindo seu sorriso Além de estética, uma forma de deixar sua vida mais saudável

O

lá leitoras, nesta edição vamos falar sobre as emoções que envolvem uma perda dentária e os problemas que causam em nossas vidas, além da estética. E, assim sendo, como você pode recuperar a saúde de seu sorriso. Hoje é muito difícil perdermos um dente, pois a odontologia atual esta voltada para a prevenção, porém, pode acontecer, por acidente ou outra causa qualquer. Pessoas de uma faixa etária maior podem apresentar um ou mais dentes perdidos. As perdas dentárias prejudicam não só a estética e podem alterar as posições dos dentes vizinhos e entortá-los. Além disso, a pessoa pode ter dificuldades para pronunciar alguns sons, para mastigar e para sorrir, provocando constrangimentos sociais, afetando inclusive seu lado psicológico e emocional. A consequência mais grave que a falta do dente pode causar é para a ATM (articulação têmporo-mandibular). Essa articulação é responsável pela abertura da boca, e é composta por ligamentos, músculos, ossos da maxila e da mandíbula, dentes e outras

estruturas. Todos estes componentes formam um conjunto que se não funcionar adequadamente, pode causar dores de cabeça (cefaléia) e na musculatura do pescoço e/ou ombros, sensação de pressão na região dos ouvidos ou queixo, dificuldade em abrir a boca ou ao mastigar alimentos, cansaço na face ao acordar e estalidos ao abrir a boca. Tendo em vista todos estes problemas, a odontologia oferece boas soluções como as próteses fixas ou móveis. Sendo o implante, a melhor forma de reabilitação para estes casos, pois é fixado ao osso, proporcionando conforto e, principalmente segurança ao conversar, ao sorrir, ao mastigar. Enfim, devolve a alegria de conviver socialmente sem constrangimentos e preocupações. O Implante custa caro? Não, conside-

rando o tempo que vai durar. Se dividir o valor pelos anos em que permanecerá com você, o investimento empregado se tornará barato. Caso não for de seu interesse, há outras opções

como próteses fixas ou removíveis. Existem diversos fatores que interferem no diagnóstico e prognóstico do tratamento. Na área da odontologia, cada caso clínico precisa ser avaliado com muito critério. Portanto, não existe odontologia online, fuja de orçamentos e ofertas de tratamentos pela internet. Procure um especialista em implantodontia certificado pelo CFO, pois um bom profissional fará todos os exames necessários, verificando toda sua saúde bucal, dentes, tecidos periodontais (gengivas), quantidade e qualidade óssea, oclusão... Detalhando os riscos do seu tratamento e informando sobre o planejamento e o melhor resultado previsto de forma realista, segura e ética. O bom profissional priorizará, acima de tudo, o melhor tratamento para sua satisfação. Imagem reprodução.

o mês da prevenção O mês das mulheres está chegando, e no dia 10 de março acontece a campanha de prevenção ao câncer de colo de útero e prevenção do câncer bucal de 2012 em Campo Largo. A data foi escolhida devido ao dia internacional da mulher - 8 de março - desta forma, é uma das iniciativas pensadas na saúde das mulheres. As interessadas podem procurar qualquer uma das unidades de saúde na rede urbana, dando preferência para a mais próxima de sua casa. O Instituto Nacional de Câncer (INCA) estima que no ano de 2012 ocorrerão no Brasil cerca de 518.510 novos casos de câncer, sendo 257.870 novos casos para o sexo masculino e 260.640 para o sexo feminino. Tendo como o câncer bucal e de colo de útero entres os mais frequentes. A Secretaria Municipal de Saúde de Campo Largo reforça a impor tância de exames preventivos, visto que a detecção precoce pode reduzir a mor talidade pelo câncer, pois o tratamento em estágios iniciais é frequentemente menos agressivo do que em estágios mais avançados. Para mais informações, basta entrar em contato pelo telefone 41 3291-5177.


16

Folha da Mulher

Campo Largo - Fevereiro 2012

TURISMO anacarolina@evidenciaturismo.com.br

Ana Carolina Braga Stallbaum

(41) 3393-4549 / 8425-9921

Turismóloga

www.evidenciaturismo.com.br

Natal fora de época Belas paisagens, muita história e cultura regional o aguardam na capital do Rio Grande do Norte

D

unas, recifes e piscinas naturais são o que compõem os 400 quilômetros da costa de Natal, que fazem da capital do Rio Grande do Norte um dos destinos mais procurados do país. Junte isso a passeios de buggy, rústicas vilas de pescadores, natureza preservada, noites agitadas e muito sol em quase todos os dias do ano. Em resumo, um local perfeito para passar suas férias, seja como uma viagem de família, de amigos ou de namorados. Natal foi fundada no século 16, pelos portugueses, com a construção do Forte dos Reis Magos, uma fortaleza com formato semelhante ao de uma estrela de cinco pontas, que hoje é um dos principais cartões-postais da cidade, atraindo tanto amantes de histórias, visto a cultura que ele guarda, quanto aos amantes de belas paisagens, já que ele revela uma bela vista das praias urbanas da capital potiguar. Uma das praias mais procurada é a Ponta Negra, que atrai turistas por oferecer lindos quiosques durante o dia e alguns dos melhores

bares e restaurantes locais durante a noite. Em muitos deles, o cardápio é repleto de delícias típicas da culinária regional à base de frutos do mar, carne-de-sol, feijão verde, arroz de leite... Ao norte de Natal, os destaques são as dunas de Genipabu e as lagoas de Jacumã e Pitangui, onde são praticados o esquibunda e o aerobunda. Ao Sul, as tranqüilas praias da região levam à vila de Pipa, a 90 quilômetros. O que comprar na viagem Quanto falamos em compras, o artesanato na região é muito forte, e oferecem peças em madeira, tecido e vidro. Os destaques são os delicados bordados em renda e os coloridos trabalhos em cerâmica. Como existem muitas confecções em Natal, as camisetas com motivos locais são bem baratas. É possível comprar três por R$ 10,00 em qualquer lojinha. O problema é que as estampas não são lá muito bonitas. Artigos de sisal, esculturas de madeira, rendas de bilro

Imagens divulgação.

e recordações marinhas (conchas enormes, estrelas do mar, etc.) completam o cardápio de compras do turista. Transporte ideal Em nenhuma cidade do país o buggy é tão adotado. É fundamental alugar ou contratar um deles para os passeios nas praias. Negocie bem o preço, especialmente fora da alta temporada. Corridas de táxi são caras (porque as distâncias são grandes) e se sua pretensão é rodar muito, a melhor opção é alugar um carro. Programas legais • Desafiar as dunas de Genipabu; • Fazer aerobunda em Jacumã; • Explorar o Litoral Sul até a Praia da Pipa; • Conhecer o maior cajueiro do mundo. • Mergulhar nos parrachos de Maracajaú e ver o cabo de São Roque. • Comer lagosta, camarão e carne de sol.

FORTE DOS REIS MAGOS A construção do forte demorou 30 anos e foi concluída em 6 de janeiro de 1598, Dia de Reis; essa data é feriado municipal em Natal. Foram utilizados em sua construção areia, óleo de baleia, bronze e grandes pedras de granito trazidas de Portugal. Hoje o forte conta muita história e encanta com seus canhões apontados para o horizonte.

PRAIA DA PIPA A Praia da Pipa fica a 85 km de Natal e reúne diversos pontos turísticos. Entre eles o Chapadão, que possui uma vista deslumbrante para o oceano. Outro cartão postal é a Baía dos Golfinhos, que oferece também uma vista incrível do mar, por não bastar isso, os golfinhos sempre aparecem nesse local para se alimentar e brincar, sendo possível até nadar com eles.

AEROBUNDA Outra atividade que faz a alegria de crianças e adultos. Praticado na Lagoa de Jacumã, que fica a 33 km de Natal, são cabos de aço que atravessam a lagoa desde o alto até a base da outra margem, formando um “varal” onde a pessoa é pendurada por um gancho e desliza até cair na água literalmente de “bumbum” na água. Daí o nome da atração.

Folha da Mulher - Campo Largo - Fevereiro-2012  

Férias, descanso, final de ano, verão… foi tudo muito bom. Mais um ano começou e o carnaval está chegando. Costumamos dizer que depois dele...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you