Page 1

ARQUIDIOCESE

DE BELÉM

PE. FLORENCE DUBOIS FUNDADOR

www.fundacaonazare.com.br BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

O JORNAL CATÓLICO DA FAMÍLIA

ANO CV - Nº 869 - PREÇO AVULSO: R$1,00

Igreja acolhe padre Humberto LUIZ ESTUMANO

A solenidade da Anunciação do Senhor, dia 25, alegrou muito a Arquidiocese de Belém. Foi a celebração dos nove anos de Dom Al-

berto à frente do pastoreio, ao mesmo tempo que ele ordenou presbítero o diácono Humberto Brito. CADERNO 2, PÁGINA 1. LUIZ ESTUMANO/REPRODUÇÃO

w IRMÃ SEBASTIANA Legionária faleceu no dia 21 de março

Legionárias dão adeus à Ir. Sebastiana Religiosa paraense re- de idade e 70 de serviço da gressou ao Pai aos 94 anos Igreja. CAD. 2, PÁG. 5.

w HISTÓRICO detalhe da Ordenação Presbiteral do diácono Humberto Paiva Brito

A primeira Missa Padre Jonas Teixeira ta Missa na Comunidade cia, na Terrra Firme. presidiu a primeira San- Mãeda Divina ProvidênCADERNO 2, PÁGINA 11. DIVULGAÇÃO

Brasil ajuda vítimas em Moçambique w PADRE JONAS presidiu Missa inaugural da missão da nova comunidade providentina

Igreja brasileira entra na dade às vítimas da tragédia rede mundial de solidarie- na África. CAD. 2, PÁG. 3.


2

Opinião

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

IGREJA E VIDA CRISTÃ EM IMAGENS

1º Caderno

PRIVILÉGIO DE SER CATÓLICO João Carlos Pereira Jornalista e professor jcparis1959@gmail.com

LUIZ ESTUMANO

w DOM IRINEU e agentes da Pastoral do Turismo em missão em Vigia de Nazaré, nordeste paraense (FOTO: LUIZ ESTUMANO (JORNAL VOZ DE NAZARÉ)

PANORAMA José Pereira Ramos Economista e escritor

joseulina1@gmail.com

Em memória de Dom Alberto Ramos

N

o dia 30 de março de 1915, nasceu na cidade de Belém o menino Alberto, filho de Manoel Gaudêncio Ramos e Aurora Pereira Ramos. Batizado na Catedral, fez a 1ª. Comunhão na Igreja da Santíssima Trindade. Estudou no Ginásio Paes de Carvalho, foi crismado na Catedral, concluiu o Ginásio no Colégio Nazaré onde foi zelador dos “Filhos de Maria” e desenvolveu sua vocação sacerdotal. A esse tempo morava na avenida São Jerônimo (atual José Malcher) e frequentava a Capela de Lourdes. Daí ter desejado ser jesuíta.

Optou, porém, por ser sacerdote secular e foi estudar em Fortaleza. O Seminário Maior de Belém não estava funcionando, por falta de formadores. No seminário da Prainha, na capital cearense já estudavam os paraenses José Maria Azevedo e Faustino Calixto de Brito que foram membros do Cabido de Belém. O padre Alberto Gaudêncio Ramos foi ordenado na Catedral de Belém em 01/10/1939,por Dom Antônio Lustosa, de quem foi secretário. Foi também secretario de Dom Jaime de Barros Câmara, que o nomeou Cônego em

ENCONTRO FRATERNO Ivens Coimbra Brandão Engenheiro civil e escritor

ivenscb@oi.com.br; ivenscb@gmail.com

Jubileu da Paróquia Santo Antônio de Lisboa (parte 1)

N

este sábado, dia 30, a Paróquia de Santo Antônio de Lisboa completa 50 anos. Foi oficialmente fundada em 30 de março de 1969, sendo entregue ao seu primeiro pároco, Frei Lourenço Leenerts, ofm, em 19 de abril do mesmo ano. Foram seus primeiros cooperadores Frei Vicente Fuerst, Frei Feldhage e Frei Bartolomeu Korn, sendo Arcebispo de Belém Dom Alberto Gaudêncio Ramos. São informações obtidas a partir da ‘História da Paróquia’, documento elaborado por Frei Vianney Miller que, aliás, foi quem nos arreba-

nhou, a mim e minha esposa, para participarmos das atividades paroquiais, idos de 1982. Frei Vianney, então pároco, junto com o hoje saudoso Frei Pedro Amém, vigário, foram grandes incentivadores do ECC – Encontro de Casais com Cristo – um eficaz método de evangelização e incentivo ao engajamento paroquial, hoje constatando-se que a maioria dos paroquianos engajados são frutos do ECC. Considerada a extensa área territorial sob os encargos da paróquia, Frei Vianney setorizou-a em nove áreas (‘A’, ‘B’...etc.) - hoje oito

Fundado em 5 de julho de 1913 FUNDADOR Pe. Florence Dubois, barnabita

ARQUIDIOCESE DE BELÉM-PARÁ

PRESIDENTE Dom Alberto Taveira Corrêa Arcebispo Metropolitano de Belém do Pará VICE-PRESIDENTE Monsenhor Marcelino Ferreira Vigário-geral da Arquidiocese de Belém do Pará

21/07/1943. Dom Mário Vilas Boas nomeou-o Vigário Geral em 10/01/1947. O Papa Pio XII nomeou-o Bispo do Amazonas em 30/08/1948. Foi sagrado na Catedral de Belém por Dom Jaime Câmara em 01/01/1949 e tomou posse em Manaus em 21/01/1949 (o bispo mais jovem do Brasil). Promovido a 1º Arcebispo de Manaus em 16/02/1952 (o arcebispo mais jovem do mundo). Transferido para Arcebispo de Belém em 09/05/1957, tomou posse em Belém em 03/10/1957. Depois de 32 anos como Arcebispo de Belém, passou o báculo para seu Coadjutor, Dom Vicente Zico, em 04/07/1990. Faleceu em 26/11/1961, sendo sepultado na Catedral. Atendendo a um historiador, relembro essas datas e também que dia 30/03 completaria 104 anos de idade e que foi o único filho de Belém Arcebispo da sua terra. – passando a ser designadas por comunidades. Com relação ao espaço físico, ora registra-se a Capela em Batista Campos, inaugurada no dia de Natal de 1969. Em atendimento aos paroquianos residentes nas áreas de baixada, construiu-se o ‘Centrão’, com uma área de 1.700 m², contando-se com a edificação já estruturada e coberta em 1979. Sucedeu-o Frei Pedro Amém, que por muitos anos pastoreou o povo antoniano, ora lembrando-se sua mensagem: ‘coragem’. Em abril de 1996, assumiu a função Frei Francisco Rodrigues. Na manhã do dia 29/11/1997, um domingo, em ato presidido pelo então Arcebispo de Belém, Dom Vicente Zico, foi lançada a pedra fundamental da Igreja Matriz que seria edificada nas cercanias do ‘Centrão’. Mercê de Deus, na próxima edição estarei prosseguindo.

DIRETOR GERAL Padre Roberto Emílio Cavalli Junior DIRETOR ADMINISTRATIVO E FINANCEIRO Marcos Aurélio de Oliveira DIRETOR DE COMUNICAÇÃO Mário Jorge Alves da Silva DIRETOR DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS Arnaldo Pinheiro

De como é bom confessar-se

D

urante muitos anos tive trauma de confissão. Eu era um pré-adolescente, assustado com o mundo, conflitado, quando fui expulso do confessionário por, segundo o padre, não ter pecados de verdade. Em vez de me explicar que o que eu confessava não eram faltas, mas tolices, digamos assim, me colocou para correr, quase me estimulando a pecar. Se pecasse, poderia, enfim, voltar. Por falta de orientação, me afastei da igreja e só voltei mais de 20 anos depois, tempo em que busquei respostas, encontradas apenas no catolicismo, do qual me afastei e para o qual, pela Graça de Deus, fui trazido de volta pelas mãos de Nossa Senhora. Quando já estava convenientemente preparado para voltar a comungar, depois de um período de estudos e de muitas conversas com aquele que seria meu confessor, padre Luciano Ciman, cheguei, finalmente, ao momento que mais temia: o da confissão. O encontro não durou mais do que 10 minutos e a penitência foram três Ave-

Marias. Achei que a confissão duraria um mês e que teria outro de penitências. Nada disso aconteceu. Poucas vezes experimentei uma sensação tão maravilhosa como a de me confessar. Parecia que uma carga brutal havia sido retirada de minhas costas. Eu saí em paz com Deus e comigo mesmo. Para não cair no erro de me confessar a cada momento, perguntei ao padre Luciano quando deveria buscar a reconciliação. A resposta foi uma aula amorosa que jamais esquecerei: “não existe um prazo. Mas sempre que você disser não a Deus, é hora de se confessar”. Li, já não sei onde, que a confissão é um julgamento com resultado previsto. O penitente sempre é inocentado das culpas, desde, é claro, que delas se arrependa e não retorne mais à prática. Como a Páscoa se aproxima, é hora de pensar em perder medos bobos e abrir o coração a Jesus, em nome de quem o sacerdote escuta e absolve os pecados, reconciliando, assim, o homem com seu Criador.

ASSIM NA TERRA COMO NO CÉU ... Pe. Helio Fronczak

heliofronczak@gmail.com

Kénosis-Pericorese Ágape Sintetizando: - A kénosis-pericorese é a dinâmica unitrinitária que exprime o Amor que é (está) em Deus; - Autocomunicando-se à humanidade, Deus transmitiu a ela a sua própria vida, o seu próprio Amor; - Portanto, o amor divino participado a nós (do qual participamos), que é chamado no Novo Testamento de Ágape/Caridade, é a vocação e a realização do ser humano e da Igreja;

COORDENAÇÃO Bernadete Costa (DRT 1326) CONSELHO DE PROGRAMAÇÃO E EDITORAÇÃO Padre Agostinho Filho de Souza Cruz Cônego Cláudio de Souza Barradas Edwaldo Lobo Monteiro EDITORAÇÃO ELETRÔNICA Sérgio Santos (DRT/PA 579) Assinaturas, distribuição, administração e redação Av. Gov. José Malcher, Ed. Paulo VI, 915 CEP: 66055-260

- Na cruz-abandono-morte-ressurreição de Jesus e na sua efusão do Espírito, este amor/ágape nos é revelado e doado em plenitude; “Jesus crucificado e abandonado é o modo de amar os irmãos. A sua morte na cruz, abandonado, é a altíssima, divina, heróica lição de Jesus sobre o que é o amor” (C. Lubich); - Falar de trinitariedade (relacionamentos trinitários / trinitização) vivida na história humana não é outra coisa que desenvolver as potencialidades do amor/ágape.

- Nazaré, Belém - PA Tel.: (91) 4006-9200/ 4006-9209. Fax: (91) 4006-9227 Redação: (91) 4006-9200/ 4006-9238/ 4006-9239/ 4006-9244/ 4006-9245 Site: www.fundacaonazare.com.br E-mail: voz@fundacaonazare.com.br Um veículo da Fundação Nazaré de Comunicação CNPJ nº 83.369.470/0001-54 Impresso no parque gráfico de O Liberal

FUNDAÇÃO NAZARÉ DE COMUNICAÇÃO


1º Caderno

Arcebispo

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

Conversa com meu povo

A

3

Dom Alberto Taveira Corrêa Arcebispo Metropolitano de Belém do Pará

Os passos da Misericórdia DIVULGAÇÃO

Quaresma da penitência, da caridade e da oração nos conduz a um de seus frutos mais significativos, a alegria, cujas expressões se fazem presentes a esta altura de nosso caminho para a Páscoa. As Missas do quarto domingo da quaresma iniciam-se com um convite jubiloso: “Alegra-te, Jerusalém! Reuni-vos, todos vós que a amais; vós que estais tristes, exultai de alegria! Saciai-vos com a abundância de suas consolações” (Is 66,10-11). E este Domingo da Alegria, com paramentos sacerdotais rosáceos, oferecenos uma das pérolas do Evangelho, a Parábola do Pai Misericordioso, do Filho Pródigo e do Filho Mais Velho (Lc 15,1-3.11-32). Encontremos o nosso lugar nestas três figuras, sem w UM DIA a saudade da casa paterna vai doer lá dentro receio de entrar na cena evangélica, percorrendo os passos da misericórdia e da verdade, fontes preciosas da alegria. Podemos ampliar nossa visão com as outras duas parábolas da Misericórdia (Lc 15, 4- ou apenas de vitórias, mens e mulheres que incessante da pessoa 10), a da ovelha perdida ou dizer que nada nos já passaram por isso, que se afastou. Com e a da moeda perdida. incomoda, significa lu- dizendo-lhes com sim- a humanidade, o Pai Estão perdidos a ove- dibriar as pessoas! O plicidade que o bem Misericordioso enviou lha, a moeda e o filho! primeiro passo da mise- plantado durante anos o Filho amado, aquele Tudo começa com um ricórdia é conviver com e anos pode demorar que se fez obediente fato tão possível, talvez esta realidade. a frutificar, mas não até à morte, e morte corriqueiro e desafiador. Na Parábola do Pai e morre dentro coração. de Cruz. Ele se humiO pastor tem ovelhas, a seus filhos há um passo Um dia a saudade da lhou, como um escramulher tem moedas e importante e decisivo, o casa paterna vai doer vo! Misteriosamente, o pai tem filhos! Tocar respeito ao mistério da lá dentro, com o dese- pode ser visto até nanos afetos, sejam eles liberdade dos outros, jo de um retorno! quele jovem sem juízo, ligados a propriedades mesmo quando temos O pastor que perdeu que buscou de forma ou ao relacionamento praticamente a certeza a ovelha saiu pelas es- errante estradas duvifamiliar, mexe com a de que tudo vai dar er- tradas a procurá-la! dosas. Parece-me ver história humana, cujo rado. A experiência de Tomar a inciativa, dar aqui o rebaixamento desenrolar traz consigo pais e mães que tantas o primeiro passo, es- de Jesus, o Filho amaganhos e perdas. Aliás, vezes alertam os filhos, crever, chamar, mandar do, que faz o caminho faz parte da vida apren- e estes querem experi- mensagens, manifestar do Filho Pródigo, para der com as lições vindas mentar “o choque da ternura e carinho, tudo voltar com ele e nele de tais eventos! Prome- tomada”! Coloco-me o que é correto vale co- ao Pai Misericordioso. ter uma vida de lucros na pele de tantos ho- mo expressão da busca A dona das moedas

O Pai Misericordioso deve ter olhado muitas vezes para as curvas da estrada, à espera do Filho que não tinha morrido

varreu cuidadosamente a casa, para encontrar a única moeda perdida até encontrá-la. Tratase de um apelo à criatividade, ao cuidado, atenção aos detalhes. Dá para entender que o sumiço de alguém ou o pecado escandaloso podem pedir de nossa parte uma revisão corajosa, com a qual nos perguntamos sobre as próprias omissões ou falhas, cujo fruto pode ter sido o desencaminhamento daquela pessoa que era uma verdadeira moeda de prata, com grande valor, e que não pode ser desprezada. O Pai Misericordioso deve ter olhado muitas vezes para as curvas da estrada, à espera do Filho que não tinha morrido dentro de seu coração. De fato, não deixar morrer o afeto, a saudade sadia, que é um santo remédio, a memória agradecida, é outro passo da misericórdia. O Pastor de ovelhas, tendo encontrado aquela que se perdera, toma-a sobre os ombros para reconduzi-la ao redil, conta a boa notícia aos amigos, para que não permaneça neles apenas a tristeza. Fico pensando na imensa enxurrada de notícias pesadas a respeito de infrações, falhas e até crimes de pessoas dentro e fora da Igreja, e na quase inexistência de partilha das boas experiências e conversões. É hora de fazer mais propaganda do bem e da autêntica mudança de vida. A mulher das moedas parece que gastou mais com a festa do que o valor da moeda! É o sadio exagero, próprio daquele que criou a parábola, e ele é Deus e homem.

E Deus sempre ama além dos limites: “Lá de longe o Senhor lhe apareceu: “Eu te amo com amor eterno; por isso, guardo por ti tanta ternura!” (Jr 31,3). Para ser misericordioso, fazse necessário ir além dos limites da justiça ou da boa educação! O Pai Misericordioso lançou-se ao pescoço do Filho, cobriu-o de beijos, para morrer no abraço o mal feito, põe nos pés as sandálias da liberdade, reveste-o com a roupa nova, e esta para nós remete à veste branca do Batismo! E manda preparar o banquete com o melhor que possuía. Neste, o que Deus preparou para nós na Eucaristia, a festa que nunca se acaba e que durará até a vinda do Senhor, no fim dos tempos! E no filho mais novo, podese encontrar o mistério daquele, o Filho amado do Pai eterno, que foi e voltou, justamente na figura da humanidade chagada que desperdiça todos os bens. A dança da fraternidade e da alegria não pode parar! Aos filhos mais velhos, a nós, você e eu, que certamente servimos ao Senhor há tanto tempo, aqueles que sabemos do Pai que o “que é meu é teu”, se dirigem palavras fortes, destinadas a nos convertermos à alegria! Nem sempre é fácil permanecer na alegria quando os abraços, os beijos, a refeição festiva e tantos gestos de afeto são para os outros, especialmente aqueles que são julgados piores, maldosos, corruptos, ladrões, esbanjadores, pecadores. É hora de nos convertermos à alegria, sabendo que ela é um dos frutos da ação do Espírito Santo (Cf. Gl 5,22-25). Que ninguém falte à festa pascal que se aproxima!


4

Arquidiocese

AGENDA DE DOM ALBERTO TAVEIRA CORRÊA

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

1º Caderno

AGENDA DE DOM ANTÔNIO DE ASSIS RIBEIRO

AGENDA DE DOM IRINEU ROMAN

n De 29 de MARÇO a 4 de ABRIL de 2018

n De 29 de MARÇO a 4 de ABRIL de 2018

n De 29 de MARÇO a 4 de ABRIL de 2018

n SEXTA, 29 DE MARÇO Visita Pastoral Missionária: Região Episcopal Coração Eucarístico de Jesus 8h - Visita ao Centro de Recuperação do Coqueiro 15h30 - Audiências 16h30 - Gravações 19h - Missa da Unidade (Paróquia Nossa Senhora do Bom Remédio) n SÁBADO, 30 DE MARÇO Visita Pastoral Missionária: Região Episcopal Coração Eucarístico de Jesus 00h - Missa (Igreja de Nossa Senhora das Mercês) 9h - Reunião com os membros do COPAE das Paróquias da Região Episcopal Coração Eucarístico de Jesus (Paróquia Nossa Senhora do Bom Remédio) 15h30 - Audiências 19h - Missa com missionários (Comunidade Mãe da Divina Providência - Paróquia Nossa Senhora Rainha da Paz) n DOMINGO, 31 DE MARÇO Visita Pastoral Missionária: Região Episcopal Coração Eucarístico de Jesus 7h - Missa (Paróquia Santa Edwiges) 18h - Missa (Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus - Tenoné) n TERÇA, 2 DE ABRIL 08h30 - Abertura do Simpósio Teológico (CCFC) 09h - Reunião com novos Párocos 15h - Reunião da Comissão preparatória do primeiro Sínodo Arquidiocesano n QUARTA, 3 DE ABRIL 8h30 - Reunião do Cabido Metropolitano 11h - Reunião n QUINTA, 4 DE ABRIL 8h30 - Reunião do Conselho Episcopal

n SEXTA, 29 DE MARÇO Semana Missionária Região do Coração Eucarístico 8h - Missão na Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus (Tenoné) 19h - Missa na quadra do Colégio CEEP (Conjunto Maguari) n SÁBADO, 30 DE MARÇO Semana Missionária Região do Coração Eucarístico 10h - Reunião com Secretários e COPAE - Região Coração Eucarístico 17h - Missa de encerramento da “Vigília 24 horas para o Senhor” (Igreja das Mercês) 19h30 - Missa de formatura - Capela do Centro Auxilium n DOMINGO, 31 DE MARÇO Semana Missionária Região do Coração Eucarístico 10h - Missa - Paróquia Coração Eucarístico (Visita missionária) 19h - Missa - Paróquia Santa Luzia do Bom Futuro (Visita missionária) n SEGUNDA, 1 DE ABRIL 8h - Gravação do programa “Em Família” 18h - Missa com as irmãs Missionárias da Santíssima Trindade n TERÇA, 2 DE ABRIL 8h30 - Audiências 10h - Atividades - CNBB 19h30 - Missa - Comunidade Santa Rita de Cássia (Paróquia Santa Edwiges) n QUARTA, 3 DE ABRIL 8h30 - Audiências 18h - Missa Seminário Propedêutico n QUINTA, 4 DE ABRIL 8h30 - Reunião do Conselho Episcopal 9h - Lançamento do Terço dos Homens no CDPI (Casa Penal) - Icoaraci 14h - Programa “Entre nós” - Rádio Nazaré FM (91.3 Mhz)

n SEXTA, 29 DE MARÇO 8h - Aulas na Faculdade Católica 10h - Missa na Escola Damas Salesianas 15h - Audiências 19h - Missa Jubilar da Unidade: Paróquia Bom Remédio n SÁBADO, 30 DE MARÇO 8h - Retiro com a Juventude Missionária 12h - Missa na Igreja das Mercês 14h30 - Palestra com a Juventude Missionária 16h - Reunião com equipe da Ceia Pascal Judaica 19h - Missa Jubilar da Unidade: Paróquia Divina Providência n DOMINGO, 31 DE MARÇO 7h - Missa - Paróquia Arcanjo São Miguel - Una 10h - Retiro com a Juventude Missionária 19h - Missa - Paróquia Nossa Senhora de Lourdes n SEGUNDA, 1 DE ABRIL 9h - Audiências 15h - Audiências 17h - Formação e Missa - Seminário Propedêutico da Arquidiocese de Belém n TERÇA, 2 DE ABRIL 7h - Faculdade Católica: Simpósio Teológico 15h - Reunião com Comissão geral do Sínodo Arquidiocesano 19h30 - Missa com as Irmãs Paulinas n QUARTA, 3 DE ABRIL 7h - Faculdade Católica: Simpósio Teológico 14h - Programa Fé e Vida - Rádio Nazaré FM 15h - Reunião com Pastoral dos Shoppings - Cúria 17h - Reunião com instituições católicas de ação social - Cúria n QUINTA, 4 DE ABRIL 8h30 - Reunião do Conselho Episcopal 15h - Audiências 18h - Gravações na TV Nazaré

Os compromissos de Dom Alberto Taveira podem sofrer alterações sem aviso prévio.

Os compromissos de Dom Irineu Roman ser alterados sem aviso prévio.

Homilia Dominical A) Texto: Lc 15,1-3.11-32. 1Os publicanos e pecadores aproximavam-se de Jesus para o escutar. 2Os fariseus, porém, e os mestres da lei criticavam Jesus: “Este homem acolhe os pecadores e faz refeição com eles”. 3Então, Jesus contou-lhes esta parábola: 1 “Um homem tinha dois filhos. 12O filho mais novo disse ao pai: ‘Pai, dá-me a parte da herança que me cabe’. E o pai dividiu os bens entre eles. 13Poucos dias depois, o filho mais novo juntou o que era seu e partiu para um lugar distante...14Quando tinha gasto tudo... ele começou a passar necessidade. 15...17 Então caiu em si e disse: ‘Quantos empregados do meu

Os compromissos de Dom Antônio podem ser alterados sem aviso prévio.

pai têm pão com fartura, e eu aqui, morrendo de forme. 18Vou-me embora, vou voltar para meu pai e dizer-lhe: ‘Pai, pequei contra Deus e contra ti; 19...20Então ele partiu e voltou para seu pai. Quando ainda estava longe, seu pai o avistou e sentiu compaixão. Correu-lhe ao encontro, abraçou-o e cobriu-o de beijos. 21O filho, então, lhe disse: ‘Pai, pequei contra Deus e contra ti. Já não mereço ser chamado teu filho’. 22Mas o pai disse aos empregados: ‘Trazei depressa a melhor túnica para vestir meu filho...23Trazei um novilho gordo e matai-o. Vamos fazer um banquete.24Porque este meu filho estava morto e tornou a viver; estava perdido e foi encontrado’. E começaram a fes-

Padre Romeu Ferreira - Formado em Exegese pelo Pontifício Instituto Bíblico de Roma (romeufsilva@gmail.comg) B) COMENTÁRIO

ta. 25 O filho mais velho estava no campo...26Então chamou um dos empregados e perguntou o que estava acontecendo. 27O criado respondeu: ‘É teu irmão que voltou. Teu pai matou o novilho gordo, porque o recuperou...28Mas ele ficou com raiva e não queria entrar. O pai, saindo, insistia com ele. 29Ele, porém, respondeu ao pai: ‘Eu trabalho para ti há tantos anos, jamais desobedeci a qualquer ordem tua. E tu nunca me deste um cabrito para eu festejar com meus amigos. 30...31 Então o pai lhe disse: ‘Filho, tu estás sempre comigo e tudo o que é meu é teu. 32Mas era preciso festejar e alegrarnos, porque este teu irmão estava morto e tornou a viver; estava perdido e foi encontrado’”.

É f undamental aproximarse de Jesus para escutá-lo: deixar sua voz entrar em nós e nos transformar. Os fariseus se aproximavam de Jesus, porém não tinham a mesma intenção. E qual é a nossa? Cada um de nós deve pensar que é único, que é sempre um dentre dois filhos. Minha vida, sua vida, é a metade do mundo de Deus. Somos muito importantes para Deus. Ele não nos quer perder; e quando nos perdemos, Ele faz festa ao voltamos; quando nos convertemos. Toda recuperação bem lograda, é motivo de festa e alegria (v 32).

(2Cor 5,17-21) Evangelho (Lc 15,1-3.11-32) w 01/04, SEGUNDA Cor (roxo) Primeira Leitura (Is 65,17-21) Responsório (Sl 29) Evangelho (Jo 4,43-54)

w 02/04, TERÇA-FEIRA Cor (roxo) Primeira Leitura (Ez 47,1-9.12) Responsório (Sl 45) Evangelho (Jo 5,1-16) w 03/04, QUARTA-FEIRA Cor (roxo)

Somos convidados com insistência (v 28) a participar da festa no retorno do outro. Para festejar, é necessário sentir-se irmão e filho. O mais velho não se sentia filho e sim empregado:“Eu trabalho para ti há tantos, jamais desobedeci a qualquer ordem tua” (v 29). Como nos sentimos diante de Deus e dos outros? O Pai semeou valores em seu filho, que na angústia da vida tinha uma referência segura e resolveu: “vou voltar para meu pai” (v 18). Que valores indeléveis imprimimos em nossos filhos? Os filhos tiveram o mesmo pai. Que me falta para agir como filho e irmão, no projeto de Deus?

Liturgia da Semana

8h30 - Reunião do Conselho Episcopal

w 29/03, SEXTA-FEIRA Cor (roxo) Primeira Leitura (Os 14,2-10) Responsório (Sl 80,6-17) Evangelho (Mc 12,28b-34) w 30/03, SÁBADO Cor (roxo) Primeira Leitura (Os 6,1-6)

14h - Programa “Entre nós” - Rádio Nazaré FM (91.3 Mhz)

Responsório (Sl 50) Evangelho (Lc 18,9-14) w 31/03, DOMINGO Cor (roxo) Primeira Leitura (Js 5,9a.10-12) Responsório (Sl 33) Segunda Leitura

Primeira Leitura (Is 49,8-15) Responsório (Sl 144) Evangelho (Jo 5,17-30) w 04/04, QUINTA-FEIRA Cor (roxo) Primeira Leitura (Êx 32,7-14) Responsório (Sl 105) Evangelho (Jo 5,31-47)


1º Caderno

Vaticano

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

“Confiar na misericórdia de Deus, mas sem abusar” Reflexão do terceiro domingo da Quaresma

C

om informações Vatican News. “A possibilidade da conversão não é ilimitada; por isso é preciso aproveitar logo; do contrário ela se perderia para sempre. Podemos confiar muito na misericórdia de Deus, mas sem abusar dela. Não devemos justificar a preguiça espiritual, mas aumentar nosso esforço a corresponder prontamente a essa misericórdia com coração sincero.” Foi o que disse o Papa Francisco ao meio-dia do domingo, dia 24 de março, no Angelus rezado com milhares de fiéis e peregrinos reunidos na Praça São Pedro para a oração mariana com o Santo Padre. Na alocução que precedeu a oração, Francisco comentou a página do

Evangelho deste terceiro domingo da Quaresma (Lc 13,1-9), que nos fala da misericórdia de Deus e da nossa conversão. PARÁBOLA DA FIGUEIRA ESTÉRIL

A página do Evangelho nos traz nos versículos 6 a 9 a seguinte parábola contada por Jesus: “Um homem tinha uma figueira plantada em sua vinha. Veio a ela procurar frutos, mas não encontrou. Então disse ao vinhateiro: ‘Há três anos que venho buscar frutos nesta figueira e não encontro. Corta-a; por que há de tornar a terra infrutífera? Ele, porém, respondeu: ‘Senhor, deixa-a ainda este ano para que eu cave ao redor e coloque adubo. Depois, talvez, dê frutos… Caso contrário, tu a cortarás”.

FOTOS: DIVULGAÇÃO

w PAPA FRANCISCO durante o Angelus do domingo, dia 24 de março

O dono da figueira representa Deus Pai e o vinhateiro é imagem de Jesus, já o figo é símbolo da humanidade indiferente e árida, disse o Papa, acrescentando que “Jesus intercede ao Pai em favor da humanidade – e o faz sempre – e pede que espere e Lhe dê mais tempo, para que nela possam germinar os frutos do amor e da justiça”. Francisco explicou que a figueira que o dono na parábola quer extirpar representa uma existência estéril, incapaz de doação, incapaz de fazer o bem. “É símbolo de quem vive para si mesmo, saciado e tranquilo, aconchegado em suas comodidades, incapaz de voltar o olhar e o coração para aqueles estão a seu

lado e se encontram em condição de sofrimento, em condição de pobreza, de dificuldade.” ESTERILIDADE ESPIRITUAL

O Santo Padre disse ainda que esta atitude de egoísmo e de esterilidade espiritual é contraposta pelo grande amor do vinhateiro pela figueira: tem paciência, sabe esperar, lhe dedica seu tempo e seu trabalho. Esta similitude do vinhateiro manifesta a misericórdia de Deus, que nos deixa um tempo para a conversão. “Todos precisamos converter-nos, dar um passo adiante, e a paciência de Deus, a misericórdia, nos acompanha nisso.” “Apesar da esterilidade, que por vezes marca

a nossa existência, Deus tem paciência e nos oferece a possibilidade de mudar e de progredir no caminho do bem. Mas o prazo implorado e concedido à espera que a árvore finalmente frutifique, indica também a urgência da conversão”. QUARESMA, TEMPO DE CONVERSÃO

Nós podemos pensar nesta Quaresma: o que devo fazer para aproximar-me mais do Senhor, para converter-me, para eliminar aquelas coisas que não são boas? “Não, não... esperarei a próxima Quaresma...” Mas você estará vivo na próxima Quaresma? Cada um de nós pense hoje: o que devo fazer diante dessa misericórdia de Deus que me espera e

5

que sempre perdoa. O que devo fazer? – interpelou o Pontífice. “Na Quaresma, o Senhor nos convida à conversão”, disse ainda Francisco, acrescentando: “Cada um de nós deve sentir-se interpelado por esse chamado, corrigindo algo em nossa vida, no modo de pensar, de agir e de viver as relações com o próximo. Ao mesmo tempo, devemos imitar a paciência de Deus que confia na capacidade de todos de poder ‘levantar-se’ e retomar o caminho. Deus é Pai, e não apaga a chama fraca, mas acompanha e cuida de quem é frágil a fim de que se robusteça e dê sua contribuição de amor à comunidade.” Francisco pediu à Virgem Maria que nos ajude a viver estes dias de preparação para a Páscoa como um tempo de renovação espiritual e de confiante abertura à graça de Deus e à sua misericórdia. VISITA A LORETO

Francisco destacou, por fim, que na segunda-feira, dia 25, Festa da Anunciação do Senhor, viaja a Loreto, à Casa da Virgem. “Escolhi este lugar para a assinatura da Exortação Apostólica dedicada aos jovens. Peço a oração de vocês a fim de que o sim de Maria se torne o sim de muitos de nós”, concluiu.

As celebrações da Semana Santa 2019 O Departamento das Celebrações Litúrgicas do Sumo Pontífice notificou as cerimônias da Semana Santa 2019. A Semana Santa 2019 terá início dia 14 de abril, Domingo de Ramos e da Paixão do Senhor e XXXIV Jornada Mundial da Juventude. Neste ano a JMJ terá uma celebração diocesana com o tema: “Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra (Lc 1, 38)”. Na ocasião o Papa Francisco presidirá a Santa Missa às 10 horas, (5h da manhã, hora de Brasília) na Praça São Pedro depois da Bênção dos Ramos. Na Quinta-feira Santa, 18 de abril o Pontífice preside na Basílica Vaticana, às 9h30 (4h30,

A V

Brasília), a concelebração da Santa Missa Crismal, junto com os patriarcas, os cardeais, os arcebispos, os bispos e os presbíteros presentes em Roma. Sexta-feira Santa, 19 de abril, celebração da Paixão do Senhor na Basílica de São Pedro. Neste dia, o Papa presidirá às 17 horas (12h, Brasília) a Liturgia da Palavra, a adoração da Cruz e o rito da comunhão. Às 21h15 (16h15, Brasília), o Papa irá ao Coliseu para a ViaSacra, no final da qual dirigirá algumas palavras aos fiéis presentes e dará a bênção apostólica. No Sábado Santo, 20 de abril, às 20h30 (15h30, Brasília), celebração da grande Vigília Pascal. No átrio da Basílica haverá

a celebração da Luz, a bênção do fogo e a preparação do Círio Pascal. Segue a procissão até o altar da Cátedra com o Círio Pascal acompanhado pelo canto Exsultet. Em seguida o Pontífice preside a Liturgia da Palavra, a Liturgia Batismal e a Liturgia Eucarística. A Semana Santa terá a sua conclusão com a Santa Missa de Páscoa que está programada para o domingo, 21 de abril, às 10h (5h, Brasília) na Praça São Pedro. No final da celebração, do balcão da basílica, o Papa fará a bênção “Urbi et Orbi”. Todas as celebrações presididas pelo Santo Padre serão transmitidas pela Rádio Vaticano - Vatican News, com comentários em português.

cultura da aparência, que nos leva a viver para as coisas que passam, é um grande engano. Porque é como uma chama: uma vez terminada, restam apenas as cinzas. (26 de fevereiro) ale a pena acolher todas as vidas, porque cada homem vale o sangue do próprio Cristo. Não se pode desprezar o que Deus tanto amou! (25 de fevereiro)

A Igreja terá 9 novos Beatos e 5 Veneráveis O Papa Francisco autorizou a promulgação dos novos Decretos. Os nove novos Beatos: pelo milagre, atribuído à intercessão da Venerável Serva de Deus Maria Emilia Riquelme y Zayas, Fundadora da Congregação das Irmãs Missionárias do Santíssimo Sacramento e da Beata Maria Virgem Imaculada. Pelo martírio dos Servos de Deus: Valerio Traiano Freniu, Vasile Aftenie, Giovanni Suciu, Tito Livio Chinezu, Giovanni Blan, Alessandro Rusu e Giulio Hossu, bispos; Alfredo Cremonesi, sacerdote professo do Pontifício Instituto para as Missões Estrangeiras; nascido em Ripalta Guerina (Itália); Francesco Maria Di Francia, sacerdote diocesano, Fundador da Congregação das Irmãs Capuchinhas do

Sagrado Coração; Maria Hueber, Fundadora da Congregação das Irmãs Terciárias de São Francisco. Os cinco novos Veneráveis Servos de Deus. Pelas virtudes heróicas do Servo de Deus Francesco Maria Di Francia, sacerdote diocesano, Fundador da Congregação das Irmãs Capuchinhas do Sagrado Coração; Maria Teresa Camera, Fundadora da Congregação das Filhas de Nossa Senhora da Piedade; Maria Teresa Gabrieli, Co-fundadora da Congregação das Irmãs das Pobrezinhas - Instituto Palazzolo; Giovanna Francesca do Espírito Santo, Fundadora do Instituto das Irmãs Franciscanas Missionárias do Verbo Encarnado. Entre os novos Beatos está o padre Alfredo Cremonesi, missionário do PIME na Birmânia , assassinado em 1953.


Igreja no Mundo 'Scala Sancta' com degraus para veneração 6

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

1º Caderno FOTOS: DIVULGAÇÃO

Durante 40 dias a partir de 11 de abril na benção da escada

C

om informações agência Gaudium Press. Pela primeira vez em 300 anos, os passos da ‘Scala Sancta’ ou ‘Scala Pilati’, pelos quais, segundo a tradição Cristo subiu no dia de sua condenação à morte no pretório de Pôncio Pilatos, serão revelados para a veneração dos fiéis. A extraordinária oportunidade se estenderá durante 40 dias a partir de 11 de abril, quando a es-

cada será abençoada por ocasião da conclusão da restauração dos afrescos que a rodeiam. Normalmente, os peregrinos que visitam a Scala Sancta pisam uns degraus de madeira dispostos como proteção da pedra original que apresenta um notável desgaste depois de séculos de peregrinações. As proteções foram instaladas em 1723 e serão também submetidas a um proces-

so de restauração, pelo qual a pedra de mármore original ficará exposta temporariamente. Os restauradores manifestaram seu assombro pelo grau de desgaste da escada no momento de analisar a estrutura de madeira. A profundidade das marcas dos passos dos peregrinos é um inegável testemunho de devoção e Fé ao longo do tempo. Debaixo dos degraus de madeira, os tra-

balhadores encontraram pequenas notas e estampas de oração, além de alguns objetos caídos ao longo dos anos. A escada está aberta ao público geral em um Santuário construído por ordem do Papa Sixto V desde finais da década de 1580. A tradição afirma que a mãe do imperador Constantino, Santa Helena, fez trazer a escada de Jerusalém até Roma no ano de 326.

w PEREGRINOS visitam a Scala Sancta

Santuários do mundo recitarão o Santo Rosário unidos à Fátima

wADORAÇÃO do Rosário e Consagração ao Imaculado Coração de Maria

Com informações agência Gaudium Press. Fátima prepara um grande evento em torno da Adoração, do Rosário e da Consagração ao Imaculado Coração de Maria. Trata-se da iniciativa Mater Fátima que ocorrerá no dia 04 de abril próximo e no dia 20 de fevereiro de 2020, com a qual se busca celebrar o centenário de falecimento dos Santos Francisco e Jacinta Marto, e no qual se uni-

rão vários Santuários ao redor do mundo. Atualmente se somaram à esta proposta 10 Santuários. Também estão a Basílica de Nossa Senhora de Luján, Argentina; e os Santuários de Nossa Senhora de Chiquinquirá, Colômbia; e Nossa Senhora da Paz de El Salvador; além do Santuário de Nossa Senhora de Fátima em Portugal. Momento importante será a recitação do San-

to Rosário, que se fará durante a Adoração diante do Santíssimo Sacramento. De acordo com o website de Mater Fátima já há cinco mil rosários oferecidos, que serão meditados em diferentes idiomas. O propósito de toda esta iniciativa é unir o mundo em oração, em torno do Santo Rosário, para pedir pela paz, tal como o pediu Nossa Senhora em Fátima.

Igreja no Brasil

Arquidiocese de Belo Horizonte prepara a Missa da Unidade

C

om informações Arquidiocese de Belo Horizonte. Paróquias e comunidades de fé da Arquidiocese de Belo Horizonte já estão se preparando com alegria para a Missa da Unidade, na Quinta-feira Santa, dia 18 de abril, às 9h, no Ginásio do Mineirinho.

A Missa da Unidade faz parte da programação da Semana Santa. Como já é tradicional, cada comunidade organiza caravanas para que todos os fiéis possam participar deste momento de fé e oração que reúne milhares de pessoas todos os anos. Bispos, padres, seminaristas, vocacionados,

leigos, jovens, instituições e cristãos de boa vontade se unem nesse importante momento, em que todo o clero arquidiocesano renova os votos sacerdotais e concelebra com o Arcebispo Metropolitano a Unidade do Povo de Deus em torno do Sacramento da Eucaristia, instituído por Jesus, na Última Ceia.

w PROGRAMAÇÃO religiosa acontece no no Ginásio do Mineirinho

Durante a celebração, há a bênção dos Santos Óleos utilizados pelas paróquias da Arquidiocese de Belo Horizonte para a celebração dos sacra-

mentos: Batismo, Crisma e Unção dos Enfermos. Através do site, a arquidiocese convida para a participação “desta grande celebração de fé

da Arquidiocese de Belo Horizonte, Igreja Viva, Povo de Deus”; o site informa ainda o cadastre para as caravanas das paróquias.

Caminhada Penitencial reuniu mais de 200 mil católicos em Salvador

w CAMINHADA Penitencial, um evento que é realizado anualmente

Com informações agência Gaudium Press. No domingo, 24 de março, a Arquidiocese de Salvador realizou a 34ª edição da Caminhada Penitencial, evento realizado anualmente no terceiro domingo da Quaresma. Este ano a caminhada foi iniciada em três locais diferentes: na Basílica Santuário Nossa Senhora da Conceição da Praia, na Igreja São Vicente de Paulo e na Paróquia Nossa Senhora dos Mares. A Caminhada Peni-

tencial teve início às 6h30, através de uma Santa Missa presidida pelo Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, em frente à Basílica Nossa Senhora da Conceição da Praia. No mesmo horário, outra Missa, foi celebrada pelo Padre Sérgio Ricardo na Igreja São Vicente de Paulo. Dom Estevam dos Santos Silva Filho, Bispo auxiliar de Salvador, celebrou uma Missa na Paróquia Nossa Senho-

ra dos Mares às 7h30. Após o término das Missas, os fiéis de Conceição da Praia e de São Vicente de Paulo saíram em caminhada até a Paróquia Nossa Senhora dos Mares, onde se encontraram e seguirão juntos até a Basílica Santuário Senhor Bom Jesus do Bonfim. Os oito quilômetros de percurso, foram acompanhados por duas cruzes, cada uma com seis metros de comprimento e três metros de largura.


Igreja 3º Congresso para Seminaristas

1º Caderno

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

7

Evento nacional acontecerá de10 a 14 de julho no interior do Estado do Rio Grande do Sul

C

om informações CNBB. Estão abertas as inscrições para o 3º Congresso Missionário Nacional de Seminaristas, que será realizado de 10 a 14 de julho, em Santo Antônio da Patrulha (RS). O evento terá o tema em sintonia com o Mês Missionário Extraordinário (MME) “Batizados e enviados: a Igreja de Cristo em missão no mundo” e o lema “Sereis minhas testemunhas até os confins da terra” (At 1,8). A preparação do evento é feita pela coordenação nacional dos Conselhos Missionários de Seminaristas (COMISEs) e as Pontifícias Obras Missionárias (POM), com parceria e apoio de duas Comissões Episcopais Pastorais da CNBB (Ação

Missionária e Cooperação Intereclesial e Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada), a Organização dos Seminários e Institutos do Brasil (OSIB) e a Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB). São objetivos do congresso animar e aprimorar a formação missionária dos futuros presbíteros no Brasil, de maneira que a missão seja realmente eixo central da formação e os ajude a adquirir um autêntico espírito missionário; aprofundar a reflexão sobre a missão, com uma ênfase especial sobre a missão ad gentes, em sintonia com a temática do MME. Também se pretende proporcionar espaços para a reflexão, vivências,

missionária, vivência da riqueza cultural gaúcha e fortalecimento do conhecimento recíproco. INSCRIÇÕES

troca de experiências e celebrações, além de sensibilizar os participantes (seminaristas, reitores e formadores dos seminários e casas de formação, bispos e convidados) para uma caminhada sinodal e de comunhão.

Mundo juvenil e a fé cristã

O Congresso contará com conferências, sendo as principais sobre “Iniciação à vida cristã e missão” e “A Igreja de Cristo em missão no mundo”. Haverá também dois painéis: “Missão ad gentes” e “Amazônia: novos cami-

nhos para a Igreja e para uma ecologia integral”, enriquecidos com testemunhos missionários. Cada participante poderá participar ainda de dois fóruns e duas oficinas. Ainda são previstas mesas-redondas, celebração da caminhada

As inscrições serão realizadas por meio do portal da CNBB, até o dia 30 de maio, preenchendo a Ficha de Inscrição. A orientação é acessar o link da área de serviços da CNBB e fazer login. Caso você não tenha um perfil já criado no sistema da CNBB, crie um Novo Usuário. Efetuado o cadastro no sistema, você vai receber uma mensagem no seu e-mail, com o link para poder acessar a página “Serviços da CNBB”; clicando nos “Eventos da CNBB”, você poderá fazer a inscrição ao Congresso.

Dom Antônio de Assis Ribeiro - Bispo Auxiliar de Belém (domantoniodeassis@arqbelem.org)

Ecos da Jornada Mundial da Juventude: A hora de Deus em nossa vida INTRODUÇÃO

Com esta reflexão quero concluir a série de artigos dedicados a recordar os principais conteúdos dos grandes eventos da JMJ do PANAMÁ, ano 2019. Ainda nos falta um breve comentário sobre a homilia do Papa Francisco na missa conclusiva da Jornada. Recordar é preciso! Não basta participarmos de eventos; é necessário não perder de vista seus conteúdos, suas lições, suas mensagens! O evento passa, mas o conteúdo ouvido, a mensagem acolhida e os horizontes assimilados ficam e contribuem para o nosso crescimento. Tudo pode concorrer para a nossa formação quando sabemos acolher aquilo que nos é oferecido, mas gerido como convém. Caso contrário, caímos na onda dos shows pirotécnicos que fazem barulho, provocam brilho e aplausos, mas logo são esquecidos. Na missa conclusiva, o Papa Francisco convocou os jovens presentes na celebração para uma profunda reflexão sobre a necessidade do compromisso de vivermos a vida com profundidade dando a máxima importância ao presente, sem negar o passado e nem esquecer o futuro. Ele partiu do versículo: “Hoje se cumpriu esta passagem da Escritura que acabastes de ouvir” (Lc 4,21).

1

Viver com profundidade o presente O Papa Francisco convidou os jovens a levarem a sério o momento presente da vida

deles; afirmou que “o presente é a hora de Deus, porque Deus é eterno presente”. A hora de Deus é o “agora”! Assim viveu Jesus. Ele nada deixou para o amanhã, como negligência da responsabilidade da sua atualidade. Contudo, continuou o Pontífice, “muitos dos seus vizinhos de Nazaré não o acolheram. Não aproveitaram da sua presença. Não aceitaram a sua proximidade”. Quem não reconhece o valor do presente, tudo adia, deixando o necessário do hoje para um incerto depois. Para Jesus a Salvação acontece no presente de cada encontro com alguém! Na Sagrada Escritura Deus se apresenta como presente, por isso ele afirma: “Eu Sou!”. Recordemos alguns trechos bíblicos que nos falam da identidade divina que não padece com o passar do tempo, por ser eterno; só para nós criaturas, há história, por isso falamos de passado, presente e futuro. No diálogo com Abrão, Deus lhe fala dizendo: “Não temas, Abrão! Eu Sou teu escudo protetor; tua recompensa será muito grande” (Gn 15,1.7). No seu encontro com Deus, recebendo a extraordinária missão de libertar o povo da escravidão no Egito, Moisés questiona o nome daquele que o envia porque dizer ao faraó. Então Deus disse a Moisés: “Eu sou aquele que sou”. E acrescentou: “Assim responderás aos israelitas: ‘Eu sou’ envia-me a vós” (Ex 3,14). A santidade divina é presente. Esse é também o compromisso de cada um de nós; a santidade nós a tecemos no

hoje. Por isso no livro do Levítico (20,8), encontramos esta declaração: “Guardai as minhas leis e ponde-as em prática. Eu sou o SENHOR que vos santifica”.

2

O presente é o tempo de compromissos Se a santidade acontece no presente da nossa existência, como qualidade de vida em comunhão com Deus e no serviço aos irmãos, então somos todos chamados a crescer na capacidade de dar sentido para o nosso hoje, assumindo compromissos, lutando por uma sociedade mais justa! O maior dos compromissos do nosso presente é a nossa santificação. Trata-se de uma construção de responsabilidade pessoal, consequência da qualidade positiva de cada opção que sempre acontece no presente da nossa vida (cf. Mt 25,31-46).

3

Nosso Deus é próximo de nós O Papa Francisco também estimulou os jovens a refletirem sobre o tempo presente como oportunidade de serem presença... O presente é o tempo da presença. De fato, quando afirmamos estar em algum lugar estamos sempre no momento presente. E a qualidade dessa presença depende de nós! Deus é “Presença contínua” na nossa vida e em todas as circunstâncias da nossa história pessoal e familiar! Todavia, muitas vezes, preferimos um Deus distante, um Deus do passado ou do futuro, e até bem “dese-

nhado”, “domesticado”, mas distante do nosso hoje. Não é bom um deus do desejo e nem um deus do passado! O Papa provocou os jovens a não pensarem num “futuro de laboratório” (artificial), mas no compromisso de viver o concreto do amor, hoje, no presente. O hoje é tempo de compromisso presente e futuro. Quem já se tornou adulto é chamado a estimular os jovens a crescerem na consciência do presente, não deixando para amanhã a realização dos seus deveres do presente. O hoje é o tempo de compromissos, é o tempo da paixão amorosa que nos convida a viver com dignidade.

4

Jesus é sempre atual e concreto O amor de Jesus é atual, concreto, real... É nesse Amor no qual somos chamados a viver! Jesus de Nazaré viveu o amor e por isso tinha sempre uma resposta concreta para cada pessoa em suas necessidades. Assim revelou-se cheio de compaixão. O Papa Francisco, reconhecendo o quanto de potencial positivo e transformador há nos jovens, instigou-os dizendo: “portanto, jovens, sejam capazes de concretizar no hoje da vida de vocês esse convite de Deus, abraçando compromissos missionários que Ele lhes apresenta no dia a dia de vocês. Coragem! Não tenham medo!”

5

Maria, a jovem atenta às necessidades do presente O Papa concluiu sua reflexão recordando aos jovens as atitudes de Maria. Também

Ela soube acolher a intervenção de Deus no presente da sua vida: ouvindo a sua voz, meditando sua Palavra, discernindo seu convite, respondendo “sim” sem medo e colocando-se à disposição de Deus para colaborar na Salvação da humanidade sendo a mãe do seu Filho, o nosso Salvador. Recordemos dois fatos maravilhosos da vida de Maria que revelam o seu grande desejo de viver em plenitude o presente: primeiro a sua decisão de servir a sua prima Isabel; não deixou para um depois! Diz o evangelista Lucas que Maria foi apressadamente ajudar sua prima (cf. Lc 1,39). O segundo fato é a sua atitude em Caná da Galileia que também nos revela que Maria era uma mulher atenta, antenada no que se passava ao seu redor, livre e capaz de tomar iniciativas saudáveis. Maria representa o verdadeiro modelo do discípulo de Jesus que, animado pela fé, é capaz de traduzi-la em boas iniciativas no exato momento em que as necessidades aparecem. O jovem que vive em profundidade a sua vida, faz o mesmo: não perde a oportunidade de testemunhar a sua fé, fazendo o bem. REFLEXÃO:

1 2 3

O que significa afirmar que “o presente é a hora de Deus”? Qual é a diferença entre viver com profundidade o presente e o presentismo? De que forma os jovens podem dar mais significado para o presente?


8

Nazaré Repórter

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

LUIZ ESTUMANO

LUIZ ESTUMANO

1º Caderno

RÁDIO NAZARÉ

Z MH 3 . 91 FM

l MINUTO DA FRATERNIDADE

J PARABÉNS! Nesta semana, a Arquidiocese de Belém eleva louvores a Deus pelo dom da vida de dois sacerdotes importantes na missão pastoral, pela dedicação de ambos. Monsenhor Raimundo

Possidônio Carrera da Mata (Mons. Cid), Vigário Geral para a Pastoral que completa mais um ano de vida, dedica-se atualmente para representar a Arquidiocese de Belém no Sínodo sobre a DIVULGAÇÃO

J LITURGIA Nos 50 anos do Concílio Vaticano II, a Livraria Paulus Belém oferta em 2019 uma série de formações voltadas ao aprimoramento da Liturgia, conforme o documento conciliar, Sacrosanctum Concilium. Agentes de pastoral, equipes de liturgia paroquiais, padres,

religiosos e religiosas, e seminaristas são o público alvo das formações. A “Instrução Geral do Missal Romano”, será proferida pelo pe. Agostinho Cruz, Vigário Episcopal da Região São João Batista, bacharel em Teologia e Filosofia. Informações: (91) 2250222/98966-0000.

Amazônia no Vaticano. Outro aniversariante é o padre Odorico Raffin, que destaca-se no trabalho da Arquidiocese de Belém, empenhandose resolutamente na construção de edificações nas comunidades

diocesanas, notadamente a de igrejas grandiosas, como uma Matriz paroquial. No transcurso do natalício de ambos, a Arquidiocese de Belém roga a Deus profusão de bênçãos sobre sua vida e prodigiosa missão.

J SERMÕES

J CORRIDA

O Sermão das Sete Palavras nas três horas da agonia, na Capela do Colégio Santo Antônio deste ano será pregado pelo Padre Moisés do Socorro Lima de Matos, Pároco de Sta. Maria Goretti, Guamá, Belém. O Sermão do Encontro, na Igreja das Mercês, será pregado pelo Pe. Ivan da Silva Conceição, Pároco da Paróquia N. Senhora do Amparo e o Sermão do Descendimento da Cruz, na Catedral, pelo Frei Edilson Rocha da Silva, OFM, Pároco de Santo Antônio de Lisboa.

No dia 21 de abril, a Comunidade Sagrado Coração de Jesus, pertencente à Paróquia Santo Afonso Maria de Ligório, no bairro da Pratinha, promove a 1º Corrida e Caminhada Solidária, com o objetivo de arrecadar fundos para a compra das portas e janelas da nova capela que, após 32 anos de existência passa por uma grande reforma de readequação. O evento premiará os três primeiros colocados da corrida e da caminhada. Na chegada, será oferecido um café da manhã para todos os participantes. Mais informações: (91) 98889-9998.

DIVULGAÇÃO

J NOIVOS A Paróquia da Santíssima Trindade está inscrevendo interessados a prepararem-se para o Sacramento do Matrimônio. Mais informações sobre o curso, dirigir-se à secretaria, ou ligar para os números (91) 3223-4821 no horário comercial, e ainda nos números 98115-5048 e 3223-4871, e no site www.trindade-pa.com.br

J PEREGRINAÇÃO A Câmara Municipal de Lisboa e o Patriarcado da Capi-tal Portuguesa doaram à Paróquia Nossa Senhora da Conceição de Ourém (PA), uma imagem de Santo Antô-nio de Lisboa que

Durante o período da quaresma a Rádio Nazaré FM apresenta de segunda a sextafeira o “Minuto da Fraternidade”. No especial serão passadas as orientações sobre a Campanha da Fraternidade que este ano vai tratar do tema “Fraternidade e Políticas Públicas”. Sintonize 91,3 MHz e participe conosco. O “Minuto da Fraternidade”

vai ao ar nas segundas, terças e quartas-feiras, às 14h, e as quintas e sextasfeiras, a partir das 16h.

RÁDIO NAZARÉ FM - 91,3. A SERVIÇO DA VIDA. NOSSA MISSÃO É EVANGELIZAR!

REDE NAZARÉ DE TELEVISÃO

AL CAN

30

DIVULGAÇÃO

l VOCAÇÕES EM FOCO NA “JANELA ABERTA” Acompanhe pela TV Nazaré, Canal 30.1 – ou na sintonia de sua cidade – a transmissão do programa Janela Aberta, toda segundafeira, às 21h, com reprises aos domingos,

PORTAL NAZARÉ

20h. Dia 1 de abril, o programa apresentado pelo Diácono Théo Cruz abordará a missão do Seminário São João Maria Vianney. Acompanha e saiba mais sobre as vocações. W. WW RE. AZA ON M.BR A C CO DA FUN DIVULGAÇÃO

será destinada à vila do Tupinambá cujo padroeiro é Santo Antônio. Comunidades de organizam, inclusive a Arquduiocese de Belém, para esse monento de evangelição. DIVULGAÇÃO

l MISSA PELA FAMÍLIA NAZARÉ J AÇÃO SOCIAL J ENCENAÇÃO A juventude da Paróquia Bom Pastor, em Marituba, prepara-se para apresentar ao público a Via Sacra, no dia 6 de abril com concentração na paróquia, localizada na rua JSN/

Parque das Palmeiras, às 16h. Os jovens convidam o povo de Deus a meditar com os paroquianos o caminho de Jesus Cristo ao Calvário. Prestigie a juventude paroquial.

A Associação Paraense de Combate ao Câncer (APACAM) caminha para a celebração de 22 anos de existência como entidade que atua em Belém prevenindo o câncer de mama e conta com o apoio da

sociedade para seguir sua missão junto a pacientes. Para ajudar, ligue 32543466, ou compareça à entidade na rua Antônio Everdosa, 669, no bairro da Pedreira, ou informe-se pelo site www.apacam.com.br

Participe da Missa em Ação de Graças pela Família Nazaré na primeira sextafeira do mês de abril, 5, na Capela da Fundação Nazaré de Comunicação, localizada na Avenida Governador José Malcher, 915, em Nazaré. Acompanhe, ao vivo,

pelo portal Nazaré (www.fundacaonazare. com.br) e pela nossa página no Facebook: / FNCBelem ou pela Rede Nazaré de Televisão, canal 30,1 ou a sintonia de sua cidade. Seja um sócio evangelizador e faça parte da Família Nazaré, acesse www. sejamaisum.com ou ligue (91) 4006-9211.


1º Caderno

Igreja

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

Escute na Rádio Nazaré FM 91.3 SEXTA - FEIRA 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h00 - Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h35 - Novo tempo 08h00 - Igreja ponto a ponto 09h00 - Seja+Um 09h30 - Informe Noticias 10h00 - Informe Noticias 10h00 - Nazaré em revista 10h30 - Informe Notícia 11h00 - Informe Noticias 11h30 - Informe Noticias 11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Segurança e Cidadania 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 - Informe Noticias 16h00 - Varanda Musical 16h30 - Informe Notícia 17h00 - Informe Noticias 17h30 - Informe Notícia 17h45 - Ângelus – Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Saudade em Versos e Canções 22h00 - A voz do pastor 22h30 – Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - Mensagem de Encerramento 00h00 - Rede Milícia Sat – Igreja no Rádio SÁBADO 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h00 - Lírio Mimoso 04h05- Especial Pe. Zezinho 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios da Alegria 06h00 - A Voz do Pastor 07h00 - Jornal Brasil Hoje 08h00 - Conhecendo Jesus 10h00 - Maria de Todos os Povos

11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Musical Nazaré 14h30 - Terço da Misericórdia 15h00 - Criança Evangelizando Criança 16h00 - Evangelizando Através do Dizimo 17h00 - A vida e o tempo 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Gozosos 18h30 - Musical Mariano 19h00 - Musical Nazaré 22h00 - A voz do Pastor 22h15 - Domínio jovem 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat DOMINGO 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h00 - Lírio Mimoso 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Gloriosos 06h00 - A Voz do Pastor 07h00 - SANTA MISSA 08h00 - Vem e Segue-me 10h00 - Musical Mensagem 11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Universo Acadêmico 15h00 - Terço da Misericórdia 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Gloriosos 19h00 - Clássico Nazaré 20h00 - Circuito M P B 22h00 - A Voz do Brasil 22h15 - Especial PE. Zezinho 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio SEGUNDA - FEIRA 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h00 - Lírio Mimoso 05h00 - Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé

Ligue: (91) 4006-9251 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h35 - Novo tempo 08h00 - Igreja ponto a ponto 09h00 - Seja+Um 09h30 - Informe Noticias 10h00 - Informe Noticias 10h00 - Nazaré em revista 10h30 - Informe Notícia 11h00 - Informe Noticias 11h30 - Informe Noticias 11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Varanda Musical 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 - Informe Noticias 16h00 - Saúde e Cidadania 16h30 - Informe Notícia 17h00 - Informe Noticias 17h30 - Informe Notícia 17h45 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios da Alegria 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Caminhando na fé 21h00 - Orando com Você - Com. Maíra 22h00 - A voz do pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio TERÇA - FEIRA 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h00 - Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h35 - Novo tempo 08h00 - Igreja ponto a ponto 09h00 - Seja+Um 09h30 - Informe Noticias 10h00 - Informe Noticias 10h00 - Nazaré em revista 10h30 - Informe Notícia 11h00 - Informe Noticias 11h30 - Informe Noticias 11h55 - Momento de Oração

- Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Varanda Musical 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 - Informe Noticias 16h00 - Direito e Cidadania 16h30 - Informe Notícia 17h00 - Informe Noticias 17h30 - Informe Notícia 17h30 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 17h45 - Voz do Pastor 18h00 - Novena Nossa Senhora Perpétuo Socorro 18h30 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Família em ação 22h00 - A voz do pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio QUARTA - FEIRA 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h00 - Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h35 - Novo tempo 08h00 - Igreja ponto a ponto 09h00 - Seja+Um 09h30 - Informe Noticias 10h00 - Informe Noticias 10h00 - Nazaré em revista 10h30 - Informe Notícia 11h00 - Informe Noticias 11h30 - Informe Noticias 11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Fé e vida 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 - Informe Noticias 16h00 - Educação e Cidadania 16h30 - Informe Notícia 17h00 - Informe Noticias 17h30 - Informe Notícia

17h45 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Gloriosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Musical Mensagem 21h00 - Orando com Você - Com. Mar adentro. 22h00 - A voz do pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio QUINTA - FEIRA 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h00 - Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h35 - Novo tempo 08h00 - Igreja ponto a ponto 09h00 - Seja+Um 09h30 - Informe Noticias 10h00 - Informe Noticias 10h00 - Nazaré em revista 10h30 - Informe Notícia 11h00 - Informe Noticias 11h30 - Informe Noticias 11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Entre nós 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 - Informe Noticias 16h00 - Varanda Musical 16h30 - Informe Notícia 17h00 - Informe Noticias 17h30 - Informe Notícia 17h45 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Oração do terço - Mistérios Luminosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Musical Mensagem 21h00 - Orando com Você - Diáconos de Belém 22h00 - A voz do Pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat – Igreja no Rádio

Assista na TV Nazaré - Canal 30.1 SEXTA-FEIRA 00:00 - Fraternidade em Ação 00:10 - Adoração Ao Santíssimo 01:10 - Terra Santa News 01:30 - Mãe Maria 01:40 - Comunidade Viva 02:00 - Igreja que Sofre 02:30 - Caminhando Na Fé 02:45 - Mãe Maria 02:55 - Palavra de Vida Eterna 03:00 - Cine Nostalgia 04:00 - Diálogo Aberto 05:00 - TeleCurso - Ensino Médio 05:30 - TeleCurso - Ensino Médio Espanhol 05:45 - Mãe Maria 05:55 - Terço Doloroso 06:25 - Palavra de Vida Eterna 06:30 - Caminhando Na Fé 06:45 - Em Família 06:55 - Preparando a Festa 07:00 - Santa Missa Mantinal 08:00 - Fraternidade em Ação 08:10 - Caminhando Na Fé 08:25 - Mãe Maria 08:35 - Palavra de Vida Eterna 08:40 - Mulher.com 11:10 - Desenho 12:00 - Nazaré Notícias 12:50 - Palavra de Vida Eterna 12:55 - Fazendo Esperança 13:25 - Caminhando Na Fé 13:40 - Sal da Terra 13:55 - Igreja que Sofre 14:25 - Fraternidade em Ação 14:35 - Em Família 14:50 - Mãe Maria 15:00 - De Mãos Dadas 16:00 - TeleCurso - Ensino Médio 16:30 - Fazendo Esperança 17:00 - Caminhando Na Fé 17:15 - Fraternidade em Ação 17:25 - Terço Doloroso 17:55 - Preparando a Festa 18:00 - Santa Missa Vespertina 19:00 - Nazaré Notícias 19:50 - Caminhando Na Fé 20:05 - Cine Nostalgia 21:05 - Espaço Cultural 22:35 - Terra Santa News 22:55 - Mãe Maria 23:05 - Palavra de Vida Eterna 23:10 - Caminhando Na Fé 23:25 - Fraternidade em Ação 23:35 - Terço Doloroso SÁBADO 00:00 - Música Mensagem 02:00 - Fiaccolata 03:00 - Cine Nostalgia 04:00 - Conversa com Meu Povo 04:30 - Mãe Maria 05:00 - Telecurso Ensino Fundamental 06:00 - Terço Gozoso 06:30 - Conversa com Meu Povo 07:00 - Notícias Pastorais 07:45 - Sal da Terra 08:00 - Missa no Rio de Janeiro-RJ

09:00 - Mãe Maria 09:10 - Comunidade Viva 09:30 - Conversa com Meu Povo 10:00 - Pesca Amazônia 11:00 - Sal da Terra 11:15 - Fraternidade em Ação 11:30 - Palavra de Vida Eterna 11:35 - Mãe Maria 11:40 - Terra Santa News 12:00 - Notícias Pastorais 12:45 - Palavra de Vida Eterna 12:50 - Mãe Maria 13:00 - Pensando Bem 14:00 - Santa Missa e Adoração em São Paulo-SP 15:45 - Viagem pela Amazônia 16:15 - Conversa com Meu Povo 16:45 - Notícias Pastorais 17:30 - Terço Gozoso 18:00 - Música Mensagem 20:00 - Conversa com Meu Povo 20:30 - Cine Nostalgia 21:30 - Fiaccolata 22:30 - Comunidade Viva 22:50 - Mãe Maria 23:00 - Conversa com Meu Povo 23:30 - Terço Gozoso DOMINGO 00:00 - Música Mensagem 02:00 - Igreja que Sofre 02:30 - Conversa com Meu Povo 03:00 - Sal da Terra 03:15 - Notícias Pastorais 04:00 - Igreja que Sofre 04:30 - Cine Nostalgia 05:30 - Palavra de Vida Eterna 05:35 - Terra Santa News 05:55 - Palavra de Vida Eterna 06:00 - Terço Glorioso 06:30 - Sal da Terra 06:45 - Fraternidade em Ação 06:55 - Palavra de Vida Eterna 07:00 - Santa Missa Dominical 08:00 - Notícias Pastorais 08:45 - Palavra e Vida 09:00 - Mãe Maria 09:10 - Desenho 09:55 - Palavra de Vida Eterna 10:00 - Diálogo Aberto 11:00 - Missa da Junetude 12:20 - Notícias Pastorais 13:05 - Ângelus 13:20 - Encantos da Amazônia 14:20 - Palavra e Vida 14:35 - Mãe Maria 14:45 - Fraternidade em Ação 14:55 - Palavra de Vida Eterna 15:00 - Cine Nostalgia 16:00 - Dedo de Prosa 17:00 - Missa Santuário Nacional de Aparecida 18:00 - Palavra de Vida Eterna 18:05 - Sal da Terra 18:20 - Mãe Maria 18:30 - Terço Glorioso 19:00 - Encantos da Amazônia 20:00 - Espaço Cultural 21:30 - Janela Aberta

9

22:30 - Questão de Fé 23:30 -Terço Glorioso SEGUNDA - FEIRA 00:00 - Fraternidade em Ação 00:10 - De Mãos Dadas 01:10 - Terra Santa News 01:30 - Cine Nostalgia 02:30 - Caminhando Na Fé 02:45 - Mãe Maria 02:55 - Palavra de Vida Eterna 03:00 - Encantos da Amazônia 04:00 - Diálogo Aberto 05:00 - TeleCurso - Ensino Médio 05:30 - TeleCurso - Ensino Médio Espanhol 05:45 - Palavra de Vida Eterna 05:50 - Mãe Maria 06:00 - Terço Gozoso 06:30 - Caminhando Na Fé 06:45 - Em Família 06:55 - Preparando a Festa 07:00 - Santa Missa Mantinal 08:00 - Palavra de Vida Eterna 08:05 - Fraternidade em Ação 08:15 - Caminhando Na Fé 08:30 - Mãe Maria 08:40 - Mulher.com 11:10 - Desenho 12:00 - Nazaré Notícias 12:50 - Mãe Maria 13:00 - Fazendo Esperança 13:30 - Caminhando Na Fé 13:45 - Mãe Maria 13:55 - Palavra de Vida Eterna 14:00 - Igreja que Sofre 14:30 - Fraternidade em Ação 14:40 - Em Família 14:55 - Palavra de Vida Eterna 15:00 - De Mãos Dadas 16:00 - TeleCurso - Ensino Médio 16:30 - Fazendo Esperança 17:00 - Caminhando Na Fé 17:15 - Fraternidade em Ação 17:25 - Terço Gozoso 17:55 - Preparando a Festa 18:00 - Santa Missa Vespertina 19:00 - Nazaré Notícias 19:50 - Caminhando Na Fé 20:05 - Janela Aberta 21:05 - Cine Nostalgia 22:05 - Nazaré Notícias 22:55 - Mãe Maria 23:05 - Caminhando Na Fé 23:20 - Fraternidade em Ação 23:30 - Terço Gozoso TERÇA-FEIRA 00:00 - Mãe Maria 00:10 - De Mãos Dadas 01:15 - Conversa com Meu Povo 01:45 - Palavra de Vida Eterna 01:50 - Mãe Maria 02:00 - Igreja que Sofre 02:30 - Conversa com Meu Povo 03:00 - Cine Nostalgia 04:00 - Janela Aberta 05:00 - Telecurso Ensino Médio

05:30 - Telecurso Espanhol 05:45 - Em Família 05:55 - Terço Doloroso 06:25 - Conversa com Meu Povo 06:55 - Preparando a Festa 07:00 - Santa Missa Mantinal 08:00 - Conversa com Meu Povo 08:30 - Mãe Maria 08:40 - Mulher.com 11:10 - Desenho 12:00 - Nazaré Notícias 12:50 - Palavra de Vida Eterna 12:55 - Sal da Terra 13:10 - Mãe Maria 13:20 - Conversa com Meu Povo 13:50 - Desenho 15:00 - Novena do Perpétuo Socorro 15:45 - Sal da Terra 16:00 - Telecurso Ensino Médio 16:30 - Conversa com Meu Povo 17:00 - Palavra de Vida Eterna 17:05 - Comunidade Viva 17:25 - Terço Doloroso 17:55 - Preparando a Festa 18:00 - Santa Missa Vespertina 19:00 - Nazaré Notícias 19:50 - Palavra de Vida Eterna 19:55 - Sal da Terra 20:10 - Conversa com Meu Povo 20:40 - Terra Santa News 21:00 - Questão de Fé 22:00 - Nazaré Notícias 22:50 - Em Família 23:00 - Conversa com Meu Povo 23:30 - Terço Doloroso QUARTA-FEIRA 00:00 - Fraternidade em Ação 00:10 - De Mãos Dadas 01:10 - Terra Santa News 01:30 - Encantos da Amazônia 02:30 - Caminhando Na Fé 02:45 - Mãe Maria 02:55 - Palavra de Vida Eterna 03:00 - Novena do Perpétuo Socorro 03:45 - Caminhando Na Fé 04:00 - Questão de Fé 05:00 - TeleCurso - Ensino Médio 05:30 - TeleCurso - Ensino Médio Espanhol 05:45 - Mãe Maria 05:55 - Terço Glorioso 06:25 - Palavra de Vida Eterna 06:30 - Caminhando Na Fé 06:45 - Em Família 06:55 - Preparando a Festa 07:00 - Santa Missa Mantinal 08:00 - Palavra de Vida Eterna 08:05 - Fraternidade em Ação 08:15 - Caminhando Na Fé 08:30 - Mãe Maria 08:40 - Mulher.com 11:10 - Desenho 12:00 - Nazaré Notícias 12:50 - Mãe Maria 13:00 - Palavra de Vida Eterna 13:05 - Fazendo Esperança 13:35 - Caminhando Na Fé 13:50 - Sal da Terra 14:05 - Igreja que Sofre

14:35 - Fraternidade em Ação 14:45 - Em Família 14:55 - Palavra de Vida Eterna 15:00 - De Mãos Dadas 16:00 - TeleCurso - Ensino Médio 16:30 - Fazendo Esperança 17:00 - Caminhando Na Fé 17:15 - Fraternidade em Ação 17:25 - Terço Glorioso 17:55 - Preparando a Festa 18:00 - Santa Missa Vespertina 19:00 - Nazaré Notícias 19:50 - Caminhando Na Fé 20:05 - Pensando Bem 21:05 - Encantos da Amazônia 22:05 - Nazaré Notícias 22:55 - Mãe Maria 23:05 - Caminhando Na Fé 23:20 - Fraternidade em Ação 23:30 - Terço Glorioso QUINTA-FEIRA 00:00 - Mãe Maria 00:10 - Palavra de Vida Eterna 00:15 - De Mãos Dadas 01:15 - Conversa com Meu Povo 01:45 - Palavra de Vida Eterna 01:50 - Mãe Maria 02:00 - Igreja que Sofre 02:30 - Conversa com Meu Povo 03:00 - Encantos da Amazônia 04:00 - Pensando Bem 05:00 - vTelecurso Ensino Médio 05:30 - Telecurso Espanhol 05:45 - Em Família 05:55 - Terço Luminoso 06:25 - Conversa com Meu Povo 06:55 - Preparando a Festa 07:00 - Santa Missa Mantinal 08:00 - Conversa com Meu Povo 08:30 - Mãe Maria 08:40 - Mulher.com 11:10 - Desenho 12:00 - Nazaré Notícias 12:50 - Palavra de Vida Eterna 12:55 - Fazendo Esperança 13:25 - Caminhando Na Fé 13:40 - Sal da Terra 13:55 - Igreja que Sofre 14:25 - Palavra de Vida Eterna 14:30 - Terço Doloroso 15:00 - Missa Família Nazaré 16:00 - Telecurso Ensino Médio 16:30 - Conversa com Meu Povo 17:00 - Palavra de Vida Eterna 17:05 - Terra Santa News 17:25 - Terço Luminoso 17:55 - Preparando a Festa 18:00 - Santa Missa Vespertina 19:00 - Nazaré Notícias 19:50 - Sal da Terra 20:05 - bConversa com Meu Povo 20:35 - Comunidade Viva 20:55 - Em Família 21:05 - Diálogo Aberto 22:05 - Nazaré Notícias 22:55 - Palavra de Vida Eterna 23:00 - Conversa com Meu Povo 23:30 - Terço Luminoso


10

Santa Missa

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

1º Caderno

Horários de Missas nas paróquias da Arquidiocese de Belém REGIÃO EPISCOPAL SANT’ANA Nossa Senhora da Graça (Catedral) Cidade Velha - Belém Sábado: 19h, Domingo: 7h, 9h e 19h Telefone: 2121-3723/ 2121-3724 N. Sra. das Mercês (Reitoria) Comércio - Belém Sábado: 12h e 17h, Domingo: 12h e 17h Sant'Ana da Campina Comércio - Belém Sábado: 12h (Igreja Matriz) Domingo: 7h (Col. D. Bosco) 9h (Igreja Matriz) Telefone: 3230-3734 São Judas Tadeu Condor - Belém Sábado: 19h. Domingo: 7h, 9h e 19h Telefone: 3115-6020 Santa Teresinha do Menino Jesus Jurunas - Belém Sábado: 6h e 18h30 Domingo: 6h30, 8h30 e 18h Telefone: 3272-2251

(Basílica Santuário) Nazaré - Belém Sábado: 7h, 8h30,12h,17h Domingo: 6h30, 8h, 10h, 16h30, 18h e 20h Telefone: 4009-8400 São Francisco de Assis (Capuchinhos) São Brás - Belém Sábado: 19h30 Domingo: 6h, 7h30, 9h30,18h, 20h Telefone: 3073-1500 Santo Antônio do Tucunduba Guamá - Belém Sábado: 19h30 Domingo: 7h e 19h30 Telefone: 3274 -9001 REGIÃO EPISCOPAL SANTA CRUZ Imaculada Conceição Castanheira - Belém Sábado: 17h. Domingo: 7h e 19h Telefone: 3277-4642/98111-8110 São Sebastião Sacramenta - Belém Sábado e domingo: 7h, 17h e 19h Telefone: 3264-9060/3254-7354

Santo Antônio de Lisboa Batista Campos - Belém Sábado: 6h30, 12h, 17h e 18h30 Domingo: 8h, 11h, 17h, 18h30 e 20h Telefone: 3215-7004/ 3222-0097

Jesus Ressuscitado Marambaia - Belém Sábado: 18h Domingo: 7h, 10h e 18h Telefone: 3277-4643

Santíssima Trindade Campina - Belém Sábado: 16h,Domingo: 7h, 10h, 11h30, 17h e 19h Telefone: 3215-7007/ 3242-4917

São Geraldo Magela Val de Cans - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h30, 11h e 18h Telefone: 3257-7950

Nossa Senhora da Conceição Cidade Velha - Belém Sábado: 18h30, Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3215-7006

N. Sra do Perpétuo Socorro Telégrafo - Seg. a sábado: missa - 19h Domingo: missa: 7h, 8h30, 17h30 e 19 h - Telefone: 3233 1797

São José Umarizal - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 11h e 19h Telefone: 3230-1633 Santa Luzia Jurunas - Belém De terça a sexta-feira: 19h Sábado: 18h30 Domingo: 7h; 9h; 18h30 Telefone: 3271-2146 Nossa Senhora de Lourdes Nazaré - Belém Seg a Sáb: 6h30 e 18h Domingo: 7h, 9h, 17h30 e 19h30 Telefone: 3223-5728 Nossa Senhora do Carmo Cidade Velha Sábado: 18h - Domingo: 7h REGIÃO EPISCOPAL SANTA MARIA GORETTI Santa Maria de Belém Terra Firme - Belém Terça: 19h Sábado: 19h - Domingo: 7h30 e 19h Telefone: 3253-5422 São Pedro e São Paulo Guamá - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 18h30 Telefone: 3283-6021/3259-0413 São José de Queluz Canudos - Belém Segunda a sábado: 6h30 e 19h Domingo: 7h, 10h, 17h e 19h Telefone: 3226-2612 São Domingos de Gusmão Terra Firme - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 19h30 Telefone: 3253-2656/3274-4746 São Miguel Arcanjo Cremação - Belém Sábado: 18h30 Domingo: 7h30, 11h e 18h30 Telefone: 3283-6022 Nossa Senhora de Fátima Fátima - Belém Sábado: 17h30 Domingo: 6h45, 8h30, 17h30 e 19h30 Telefone: 3266-1392/3226-0503 Santa Maria Goretti Guamá - Belém Domingo: 9h30 e 18h Telefone: 3283-6023 Nossa Senhora de Nazaré

São Jorge Marambaia - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h, 17h e19h Telefone: 3277-4641 São Raimundo Nonato Umarizal - Belém Sábado: 6h30 e 18h Domingo: 6h30, 8h30 e 18h Telefone: 3277-4644 Santa Cruz Marco - Belém Sábado: 18h30 Domingo: 7h, 9h, 11h e 18h30 Telefone: 3277-4640/3276-0941 Nossa Senhora da Conceição Aparecida Pedreira - Belém Terça a Sábado: 18h Dom.: 7h, 9h e 18h/1ª Sexta-mês: 9h Telefone: 3233-4224/3276-9573 São Francisco Xavier Marco - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3352-8845 N. Senhora, Mãe da Divina Providência Val de Cans - Belém Sábado:19h - Domingo: 7h e 19h Telefone: 3257-2388 Sagrada Família Curió Utinga - Belém. Sábado: 7h e 19h30 Domingo: 7h, 9h e 19h30 São João Paulo II Souza - Belém De terça a sábado: 18h Domingos: 8h e 18h Telefone: 3277-4062 Nossa Senhora de Loreto Marco - Belém Telefone: (91) 3355-6302 Sábado: 17h Domingo: 7h, 9h, 11h, 17h e 19h

São Francisco de Assis Tapanã - Belém Domingo: 7h e 18h30 Telefone: 3258-8036 Nossa Senhora de Fátima Icoaraci - Belém Terça, quinta e sexta: 18h30 Sábado: 19h - Domingo: 19h Telefone: 3297-7251 Jesus Bom Samaritano Tapanã - Belém Domingo: 7h30 e 19h30 Telefone: 3033-2004 São Francisco das Ilhas Cotijuba - Belém Terça e quinta: 19h30 Sábado: 19h30 Domingo: 7h e 19h30 Telefone: 3247-1438 Nossa Senhora da Imaculada Conceição Outeiro - Belém Terça e quinta: 19h; Sábado: 9h Domingo: 7h e 18h Telefone: 3267-1174 Nossa Senhora do Livramento Icoraci - Belém Terça, quinta, sexta e sábado:19h Domingo: 7h e18h Telefone: 3288-4250 Divina Misericórdia Águas Negras - Icoaraci Terça a sexta: 18h30 Sábado: 17h e 19h30 (comunidade) Domingo: 7h e 19h 30 Santo Afonso de Ligório Pratinha - Belém Sábado: 19h Domingo: 8h30 e19h Telefone: 3258-1554/3274-8281 São Francisco de Assis Campina - Icoaraci Domingo: 7h, 9h e 18h30 De terça-feira a sexta-feira: 19h Telefone: 3297-0765 REGIÃO EPISCOPAL CORAÇÃO EUCARÍSTICO DE JESUS Coração Eucarístico de Jesus Catalina - Belém Sábado: 18h Domingo: 7h, 10h e 18h Telefone: (91) 3285-1433

Domingo: 9h e 11h Telefone: 98292-9199

N. Senhora Auxiliadora Anita Gerosa (Aurá) - Ananindeua Domingo: 7h e 18h Telefones: 3255-3828

Santíssimo Sacramento Nova União - Marituba Sábado: 18h30 (Capela N. Sra. do Perpétuo Socorro) Domingo: 18h30 (Capela S. Francisco de Assis)

N. Senhora das Vitórias Almir Gabriel - Marituba Sábado: 19h Domingo: 7h, 19h Telefone: 3292-0013 Sagrado Coração de Jesus Júlia Seffer - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h30, 9h e18h Telefone: 3265-5413 Sagrado Coração de Jesus Distrito Industrial - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h, 8h30 e 17h30 Telefone: (91) 98855 - 2232

Santa Luzia do Bom Futuro Cabanagem - Belém Sábado: 17h - Domingo: 7h e 19h São José de Anchieta Alameda Ns-13, 65 - Coqueiro Sexta - 7h30 Domingo - 7h; 18h Santa Teresinha do Menino Jesus Tenoné - Belém Domingo: 7h e 18h Telefone: 3289-5368

REGIÃO EPISCOPAL SÃO JOÃO BATISTA

Nossa Senhora de Lourdes Coqueiro - Ananindeua Sábado: 17h. Domingo: 7h e 19h Telefone: 3275-2391 Arcanjo São Miguel Una - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h30. 9h30 e 19h Telefone: 3234-4674

Santo Inácio de Loyola Icui Guajará - Ananindeua Domingo: 7h e18h Telefone: 991541971

Santa Maria Mãe de Deus Maguari - Ananindeua Terça, quarta, sexta e sábado: 7h Quinta: 19h; Domingo: 7h e 19h Fone: (91) 3255-5284

N. Sra. de Nazaré Marituba - Quarta - feira Horário de Missa: às 19h Domingos: às 8h30 Telefone: 98040-5117 /98102 - 7344 N. Sra. das Graças Centro - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h e 19h Telefone: 3255-2654 N. Sra. do Ó Vila - Mosqueiro Sábado: 19h30 Domingo: 6h30, 9h30 e 19h30 Telefone: (91) 3771-1278 São Pio X Águas Lindas - Ananindeua Domingo: 7h30 e 19h30 Telefone: 32155-2583

Bom Pastor Nova Marituba - Marituba Segunda a Sexta: 18h Sábado: 6h, 9h30 e 19h Domingo: 6h, 9h30 e 19h Telefone: 4106-0202

Natividade de Nosso Senhor Jesus Cristo Conjunto Sideral - Belém Domingo: 7h, 9h e18h Telefone: 3067-2017

Divino Espírito Santo Cidade Nova - Ananindeua Sábado: 7h. Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3263-0603

Menino Deus Centro - Marituba Domingo: 6h, 8h30 e 18h Telefone: 3237-8351

Santa Edwiges Mangueirão - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h30 e18h Telefone: 3279-1654

Nossa Senhora do Bom Remédio Conjunto Satélite - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 19h Telefone: 3248 0515

Cristo Rei Guanabara - Ananindeua Domingo: 7h, 9h30 e 19h Telefone: 3235-1405

São Lucas Evangelista Guajará - Ananindeua Quinta : 7h e 18h30. Sexta: 18h30 Sábado: 9h e18h30. Domingo: 7h, 17h e 19h Telefone: 3353-0364

Santa Rosa de Lima Independente - Benevides Terça a Sexta:18h, Sábado:17h, 19h Domingo: 07h30 e 19h Telefone: (91)3724- 1135

N. Senhora Rainha da Paz Bengui - Belém Domingo: 7h, 9h e 18h30 Telefone: 3277-4645

REGIÃO EPISCOPAL SÃO VICENTE DE PAULO

Paróquia Nossa Senhora do Carmo Benevides Sábado - 19h Domingo - 8h e 19h Telefone: (91) 3724-1098

Santo Antônio de Pádua Rod. Mário Covas - Coqueiro, Ananindeua Sábado: 19h. Domingo: 7h e 18h Telefone: 98152-2200

São Benedito Rua São Benedito, Barreiro Terça a sexta-feira - 19h Sábado - 8h (missa com crianças) Domingos - 7h30 e 18h30

São João Batista e Nossa Senhora das Graças Icoaraci - Belém Terça a sexta: 6h30 Sábado: 6h30, 17h, 20h Domingo: 7h e 18h Telefone: 3297-7250

REGIÃO EPISCOPAL MENINO DEUS

N. Sra da Conceição Praça Matriz - Benfica Domingo: 6h15 e 19h30 Telefone: 3450-8147 N. Sra da Conceição Carananduba - Mosqueiro Ter a Sex: 18h30 Sábado: 18h30 Domingo: 7h e 19h Telefone: 3772-1183 Santa Bárbara Centro - Santa Bárbara Domingo: 7h30 e 19h Telefone: 3776-1529 São Marcos Uriboca - Marituba Terça: 19h. Domingo: 7h e 19h Telefone: 3237-8351 Pedro Pescador Baía do Sol - Mosqueiro Ter a sexta: 19h (Igreja S. Sebastião) Quarta: Matriz - 19h Sábado:19h (Igreja São Sebastião) Domingo: 8h (Ig. S. Sebastião); 10 h 3 0 ( I g . D i v. E s p . S a n t o ) ; 19h ( Matriz) Telefone: 99919-4153 Área Missionária São Paulo, Apóstolo Rodovia BR-316

Santa Teresinha Águas Lindas - Ananindeua Domingo: 7h30 e 18h Telefone: 9916-4548/99169-3443 N. Senhora de Guadalupe Coqueiro - Ananindeua Terça a sexta: 19h Sábado: 18h30 Domingo: 7h ,9h e18h Telefone: 3245-7440 Cristo Peregrino Jaderlândia - Ananindeua De Segunda a Sábado: 19h e 20h Domingo: 7h, 8h30 e19h Telefone: 3237-9891 Santa Paula Frassinetti Cidade Nova VI - Ananindeua Segunda e quarta: 18h30 Terça e quinta: 19h30 Sexta: 7h. Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h, 18h Telefone: 3279-2620 Transfiguração do Senhor Curuçambá - Ananindeua Sábado: 18h30 e 20h Domingo: 7h e 18h30 Telefone: 3286-8570 Santa Rita de Cássia Cidade Nova V - Ananindeua. Sábado: 6h30 e 17h30 Domingo: 6h30, 8h30, 7h30 e 19h30. Telefone: 3273-3191/ 3273-3310 Paróquia Santíssimo Redentor Icuí-Guajará - Ananindeua Sábado: 19h30 - Igreja Matriz Domingo: 7h - Igreja Matriz 9h - Comunidade Santo Afonso 17h - Igreja Matriz 19h - Comunidade Cristo Rei São Vicente de Paulo Paar - Ananindeua Domingo: 7h, 8h30 e 19h São José Operário Conj. Carnaúba, Icuí - Ananindeua Domingo: 7h e 18h Telefone: 3295-3545/3031-1172 Nossa Senhora do Amparo Cidade Nova 8 - Ananindeua Terça a Sexta: 19h - Sábado: 19h30 Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3287-2418 Santo André Apóstolo Coqueiro - Ananindeua Segunda a sexta - 19h Sábado: 19h45 - Domingo: 8h 19h Telefone: (91) 3235-1658

Não encontrou o horário das missas da sua paróquia aqui? Entre em contato com seu pároco ou com a secretaria da sua paróquia e solicite que nos informem para podermos publicar.


1º Caderno

Família Nazaré 11

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019 LUIZ ESTUMANO

w PADRE WAGNER com Elyvane Barbosa

LUIZ ESTUMANO

w MARCOS VALÉRIO, Elyvane e Marcos Aurélio

DIVULGAÇÃO

w SANTA MISSA inicia a programação especial

Programa “De mãos dadas” especial busca apoio à Família Nazaré Benfeitores que ajudam a Arquidiocese de Belém a evangelizar

A

Fundação Nazaré de Comunicação realizou na quarta-feira, 27 de março, mais uma edição especial do programa “De mãos dadas”, na Rádio Nazaré FM, 91.3 Mhz, coordenado por Elyvane Barbosa. A programação tem o objetivo de fortalecer a Família Nazaré, e intensificar a captação de doações que ajudam a Fundação Nazaré a manter o trabalho desenvolvido pelos meios de comunicação arquidiocesanos: jornal, rádio, televisão e a internet O programa “De mãos dadas” obedeceu a um roteiro que começou pela Santa Missa no estúdio da emissora às 8h, presidida pelo padre Nilton Cezar Reis, apresentador do programa “Igreja - Ponto a ponto”. A Missa foi transmitida

ao vivo pela Rádio Nazaré FM – 91.3 Mhz. Terminada a celebração, o programa seguiu ao comando de Elyvane Barbosa, coordenadora da emissora, ao lado do padre Wagner Lima, Diretor de Programação da rádio. Ao longo do programa, houve interação com os ouvintes e com pessoas que se cadastraram na Família Nazaré, assim como a atualização de doações efetivadas por membros da Família Nazaré que entraram em contato para formalizar as suas doações. Às 11h30, os apresentadores rezaram o Terço de Nossa Senhora Mãe da Divina Providência. Pela manhã também houve participação de Marcos Aurélio de Oliveira, Diretor Administrativo e Financeiro da Fundação Nazaré de

Comunicação, e também de Marcos Valério Reis, coordenador da TV Nazaré. Na ocasião, os entrevistados falaram sobre a importância da participação da Família Nazaré na manutenção do trabalho de evangelização da Arquidiocese de Belém pelos meios de comunicação. À tarde, a programação seguiu com Jota Cardoso e Romildo Rosa. Às 15h houve pausa para o Terço da Misericórdia com a participação de ouvintes. O programa encerrou às 18h. CAMPANHA - A Rádio Nazaré realiza o “De mãos dadas”, como uma ação especial de mobilização em favor dos veículos de comunicação da Arquidiocese de Belém e, assim, garantir a propagação da evangelização feita na Igreja particular da

Amazônia. É imprescindível a colaboração de toda pessoa de boa vontade. Quem já faz parte da Familia Nazaré pode contribuir com algo mais. Caso possa ajudar, conheça também a a campanha Seja +Um e venha compor esta família abençoada que existe para ajudar a Igreja de Belém a evanglizar.

de Nazaré, em Belém. A partir das 14h30 inicia o Santo Terço, conduzido pelo Movimento Arquidiocesano do Terço dos Homens. A

celebração terá a participação da Paróquia Jesus Ressuscitado, da Marambaia, e será presidida pelo pároco, padre Maurício Henrique Santos.

SORTEIO DIVULGAÇÃO

MISSA PELA FAMÍLIA NAZARÉ

- Toda primeira sexta-feira de cada mês, o sócio evangelizador da Família Nazaré tem um compromisso marcado: a Missa em Ação de Graças pelos benfeitores. A Missa será na sextafeira, 5 de abril, às 15h, na Capela da Fundação Nazaré de Comunicação, na avenida Governador José Malcher, Edifício Paulo VI, no bairro

-Colabore com a Fundação Nazaré. Participe do sorteio de uma imagem de Nossa Senhora Mãe da Divina Providência no dia 4 de abril. Faça como outros ouvintes que participaram anteriormente e foram contemplados com objetos de devoção, como imagens de Nossa Senhora

e quadro com estampas como a do Espírito Santo e Jesus Misericordioso. Ligue para o número (91) 4006-9211 ou pelo WhatsApp da Rádio Nazaré FM: (91) 98814-0275, fotografe o comprovante de sua doação, envie-o para a emissora e concorra ao sorteio do dia 4.

Parabéns para você!

A

gradeço, primeiramente, a Deus por me possibilitar mais um ano de vida, e a Nossa Senhora, por interceder pelas bênçãos para mim e para os meus familiares, principalmente saúde e paz. Agradeço, em especial, por fazer parte desta Família Nazaré.

MARIA CATHARINA ALHO DA SILVA 70 anos, 1 de abril

29/03 Alessandra Conceição Miranda Vieira Elizabeth Amador Alves Gaby Eugênia Porpino de Oliveira Flaviane Cristina Araújo Iago André Benjor da Silva João Duarte Moraes José Otávio Alves Maia Maria do Carmo da Silva Ribeiro Professor Francisco Poeta Helena Monteiro Guimarães Márcia Regina Cavalcante Vasconcelos Maria das Dores Félix de Oliveira Maria Rita da Luz Freitas Tereza Bentes do Rosário 30/03 Adelaide da Costa Moraes Cláudia Pinheiro dos Santos Heitor Costa Magalhães Isouda Costa de Oliveira Contente

Luiza Carvalho Maria de Fátima de Sousa Maria Eunice Rodrigues dos Santos Olga Mara Damasceno de Vasconcelos 31/03 Any Lobão de Souza Dione Lopes Oliveira Francisco Thiago Silva Lima José C. Mata Fonseca Maria de Lourdes de Souza Melo Maria de Nazaré Espírito Santo Teixeira (in memorian) Maria Raimunda Agostinha de Oliveira Mons. Raimundo Possidônio Carrera da Mata Paula Lima Tavares 01/04 Glória Azevedo Catharina Ribeiro Costa Carmelina Ribeiro Guedes Cassandra Romero Doralice Cunha Palheta Elza Maria de Sousa Rabelo Maria Catharina Alho da Silva Maria da Conceição Viana da Silva Margarida de Nazaré Ferreira Jean Carlos de Vasconcelos Joélcio da Trindade Machado Maria de Fátima Nobre Vieira Doralice Cunha Palheta Cassandra Romero Wallena Dias C. da Silva 02/04 Amanda Moura D. Araci Madeira Machado Raimunda Cinira dos Passos Nunes Elza Lias Monteiro Matos Francisco de Assis Torres Lourency Gaia dos Santos

Maria Celeste da Silva Paróquia Jesus Bom Samaritano 03/04 Ana Gracinda Nery da Silva Ana Marcy Souza de Oliveira Icléa Figueiredo da Silva Maria José Porto Lima Ricardo Paulo Lima Sampaio Maria Benedita Sampaio de Andrade Neide Baia Pinheiro Lourenço Maria Tomázia Santos Duarte Maria Neide R. Morais Antônio de Pádua Pereira de Freitas Dário Augusto Macedo Pereira Sílvia Regina Ferreira Garcia Creuzenir da Silva Santos de Freitas

w

Ana Paula Costa Oliveira Jonilson da Silva Formigosa Glauderita Peres Pinheiro Souza 04/04 Josina Sousa da Costa e Silva Maria Benedita Palheta Lindalva Freitas de Lima Liege Lima Cavalcante Osvaldina Ferreira da Silva Maria Cristina Borges Celso Davi Ribeiro da Silva Rodolfo José Pereira Amâncio Helenita Pimentel Coimbra Alexandre Souza Parente Daniela R. Franco Ulisses José A. Campos

Aniversário natalício de padres e diáconos diocesanos 29/03 - Diác. José Otávio Alves Maia 29/03 - Pe. Odorico Raffin 31/03 - Mons. Raimundo Possidônio Carrera da Mata (Mons. Cid) 31/03 - Diác. Francisco do Nascimento Lima 01/04 - Pe. José Reinaldo Ferreira 02/04 - Pe. Arnaldo Sodré 02/04 - Frei Benedito Rôxo de Melo 02/04 - Côn. Sílvio da Silva Trindade

w

Aniversário de ordenação dos padres e diáconos diocesanos 30/03 - Pe. Pedro Júnior Pereira Vila Nova 31/03 - Pe. Jonas da Silva Teixeira

AJUDE A MANTER A FUNDAÇÃO NAZARÉ DE COMUNICAÇÃO. LIGUE PARA 4006-9200 E SEJA SÓCIO DA FAMÍLIA NAZARÉ.


1º Caderno Arquidiocese Faculdade Católica promove simpósio que reflete sobre temas atuais 12

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

"Cristianismo e Contemporaneidade: crise civilizatória, desafios do Cristianismo e Sínodo da Amazônia”

A

Igreja está com os olhares voltados para a Amazônia de modo especial, desde o anúncio do Sínodo para a Amazônia, que ocorre em outubro deste ano, em Roma. Diante deste contexto, a Faculdade Católica de Belém promove de 2 a 4 de abril o III Simpósio de Filosofia com o tema “Cristianismo e Contemporaneidade: crise civilizatória, desafios do Cristianismo e Sínodo da Amazônia”. Anualmente, a Faculdade Católica de Belém promove dois simpósios, um, de Filosofia no primeiro semestre, e um, de Teologia, no segundo, com assuntos atuais, destinados ao público em geral. O III Simpósio de Filosofia objetiva ajudar a refletir sobre a crise e quer apontar possíveis soluções. A instituição visa oferecer formação no âmbito da educação, da cultura, da política e da arte com a identida-

de católica, levando em consideração as responsabilidades e os desafios que se impõem na região amazônica. Segundo o padre Helio Fronczak, integrante da equipe de organização do evento e coordenador do curso de Filosofia, os participantes podem esperar “uma formação integral, isto é, que aborda várias dimensões da vida humana à luz da Doutrina Social da Igreja - que está relacionada com o Evangelho. É uma formação integral abordando as dimensões da pessoa, tudo aquilo que faz parte da estrutura humana, mas sempre com o enfoque da doutrina social à luz da Palavra de Deus. Também, teremos as dinâmicas com palestras de especialistas e, ainda, amplo debate com a participação do público presente, com perguntas, com suas colocações, com suas propostas”.

LUIZ ESTUMANO

Inscrições na instituição, valor único de 20,00 reais, que dão direito aos três dias de Simpósio. Quem preferir pode realizar a inscrição na abertura do Simpósio, dia 2. A Faculdade Católica de Belém fica localizada na

Rodovia BR 316, KM 6, bairro Águas Lindas, Ananindeua. Informações: (91) 98442-5713 ou https://facbel.edu.br/. PROGRAMAÇÃO

O III Simpósio de Filosofia promovido pela

Faculdade Católica de Belém contará com a presença de renomados doutores e mestres da área. Proporcionando discussões abertas e profundas sobre as problemáticas apresentadas, no interesse de

promover reflexão junto à comunidade acadêmica. Dia 2, o cenário atual vai será posto em relevo, através da temática “Crise civilizatória e os novos desafios da política – século XXI”, facilitada pelo professor e doutor Alex de Melo, e “O desenvolvimento de novas estruturas de poder”, pelo mestre Evandro Diniz. Dia 3, as seguintes temáticas: “Uma nova mística para a transformação da política”, facilitada pelo professor Emanuel Matos e “A Amazônia: desafios econômicos, sociais e antropológicos”, pelo mestre Fabrício de Souza. Dia 4, Dom Erwin Kreutler, bispo emérito do Xingu, realiza conferencia sobre “Sínodo da Amazônia: a construção de Novas Epifanias”, e, em seguida, discussões filosóficas, durante a mesa redonda composta por Dom Erwin, pelo bispo auxiliar, Dom Antônio e o professor Emanuel Matos.

São Judas Tadeu abre inscrições para cursinho no bairro da Condor P reparar jovens e adultos para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é o que visa o cursinho Objetivo, que começou a funcionar no mês de março nas dependências da Igreja Matriz de São Judas Tadeu, bairro da Condor, em Belém. As aulas do cursinho preparatório iniciaram-se nos horários da tarde e da noite, de segunda a sexta-feira. As inscrições, inteiramente grátis, ainda podem ser rea-

lizadas presencialmente na secretaria da matriz de São Judas Tadeu. Valor da taxa mensal: 60,00 reais. A iniciativa é pioneira na matriz. Surgiu este ano durante a reunião do Conselho Paroquial de Pastoral (CPP), apresentada por Marcelo Mota, idealizador do cursinho, que está no último ano de Licenciatura em Química, ao pároco, padre Rafael da Costa Brito, e aos demais presentes à reunião. O cursinho ob-

jetiva beneficiar jovens e adultos carentes desejosos de conquistar uma vaga em uma instituição de ensino superior. Segundo Marcelo, que é engajado no ministério de música da matriz da Condor e da Catedral, a iniciativa atende a uma parcela da comunidade que não tem condições financeiras de realizar um cursinho preparatória de qualidade a um preço acessível. As aulas ocorrem em salas climatizadas ane-

eu indico

E

u recomendo o livro do Padre José Antonio Forte a “História do Mundo dos Anjos”, Editora Palavra & Prece, que numa linguagem simples e gostosa narra a criação do mundo angélico, como tudo começou, com suas hierarquias, a revelação aos anjos da encarnação do Verbo Divino no Seio de uma Virgem Mulher

JOSÉ BARBOSA MALHEIROS JUNIOR

48 anos, professor

despertando a ira de Lúcifer e a guerra no céu, liderada pelo pequeno anjo Miguel que diante da prepotência do mal grita “Quem como Deus?”, expulsando do céu os anjos rebeldes. Tendo como narrador um anjo, proporciona uma experiência única a quem deseja conhecer mais sobre os seres angelicais!

xas à matriz da Paróquia de São Judas Tadeu, de segunda a sexta-feira, à tarde, das 13h30 às 18h, e à noite das 18h20 às 22h. As salas são as mesmas dos encontros da catequese no final de semana. Jovens e adultos podem inscrever-se. A procura tem sido expressiva, principalmente por adultos, que vêem uma oportunidade de mudar de vida através de uma graduação. Os inscritos terão aulas com excelentes

BOA DICA

profissionais constitutivos de uma equipe de 21 professores, material exclusivo, aulas interativas e turmas reduzidas. Marcelo, que desde 2017 está envolvido em cursinhos pré-vestibulares populares, reconhece a importância desde tipo de cursinho, pois foi através de um que ingressou na universidade: “gostaria de possibilitar a entrada na universidade de outros alunos que pensam que ela é uma realidade distante”.

LIVROS E CD'S

n TRÍDUO PASCAL NA PONTE DOS CARVALHOS - Cantos da Nação do Divino - CD (Paulinas, R$ 18,20)

P

rojeto idealizado e efetuado por Frei Joaquim Fonseca, ofm, assessor de música litúrgica da CNBB, junto com a gravadora PaulinasCOMEP. A gravação da série Cantos da Nação do Divino quer resgatar a religiosidade popular presente nas composições do Pe. Geraldo Leite Bastos, um dos promotores pioneiros e mais criativos de uma liturgia enraizada na cultura do povo em nosso país. 0 repertório musical (missas, salmos, hinos, responsos, etc.) do padre Geraldo

Os interessados devem levar os seguintes documentos no ato da matrícula: duas fotos 3x4, cópias do RG; do CPF e do comprovante de residência, na secretaria da Matriz, localizada na Avenida Alcindo Cacela, 4195, bairro Condor. Após a matricula será emitido boleto de pagamento no valor de 60,00, taxa mensal do cursinho. Mais informações: (91) 3115-6020 ou (91) 98709-0387.

pode ser considerado como um paradigma, ou seja, um referencial indispensável para quem se propõe servir ao povo de Deus na arte da composição musical ou na escolha do repertório litúrgico do compositor pernambucano com profunda experiência litúrgica enraizada no sertão nordestino, traço forte da obra desse autor. A elaboração de grande parte do repertório da série “Cantos da Nação do Divino” contou com a imprescindível colaboração do artista plástico Genival Lima.

n O ROSÁRIO PARA

CRIANÇAS - Livro (Paulus, R$ 10,00)

R

ezar o Rosário pelos filhos e, mais ainda, com os filhos, educando-os desde tenra idade para esse momento diário de “paragem orante” da família, não traz por certo a solução de todos os problemas, mas é uma ajuda espiritual que não se deve subestimar. (São João Paulo II). Livreto adequado à assimilação do público infantil.


BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

Caderno Dois

FOTOS: LUIZ ESTUMANO

w DOM ALBERTO entrega o cálice com a patena ao sacerdote

w O NEO SACERDOTE ente Dom Alberto, Dom Irineu e Dom Antônio

Dom Alberto ordena sacerdote na Matriz do Bom Remédio Padre Humberto será vigário paroquial

w MOMENTO da prostração

N

a solenidade da anunciação do Senhor Jesus, 25 de março, Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo Metropolitano, presentes seus auxiliares, Dom Irineu Roman e Dom Antônio de Assis Ribeiro, presidiu o rito de ordenação sacerdotal de Humberto Paiva Brito, na Quadra Paroquial de Nossa Senhora do Bom Remédio, no conjunto Satélite. Com muitos fiéis, a Santa Missa também foi de comemoração do nono ano de posse canônica em Belém de Dom Alberto. Seminaristas, diáconos, clero arquidiocesano, parte do cabido catedral, foram uns dos presentes na celebração que ordenou sacerdote Humberto Paiva Brito, diácono permanente, pai de três filhas, que dedicou oito anos ao serviço à Igreja na Paróquia do Bom Remédio, além de auxiliar párocos nas paróquias circunvizinhas. A celebração deu início também às Semanas Pastorais Missionárias que percorrerão as sete regiões episcopais. Coroou a data a celebração da solenidade da anunciação do Senhor que, para Dom Alberto, mesmo no ambiente quaresmal é uma grande festa para todos: “a solenidade é o mistério da encarnação do Verbo de Deus, então é grande festa. Hoje esta ordena-

w OS PRESBÍTEROS presentes impõem as mãos sobre o candidato

w PADRE HUMBERTO recebendo cumprimento dos presentes

ção inusitada, porque é um diácono que ficou viúvo e a própria esposa, antes de morrer, o estimulou a solicitar a ordenação sacerdotal. O que ele fez com muita alegria e nós, enquanto conselho presbiteral, o acolhemos e hoje será ordenado padre.” O rito de ordenação teve início com a apresentação do diácono, seguida da confirmação da idoneidade moral pelo Cônego Vladian Alves, reitor do Seminário Maior São Pio X. Após a homilia, o rito seguiu com o juramento do eleito, ladainha de todos os santos, a imposição das mãos de Dom Alberto, em seguida dos bispos auxiliares e dos presbíteros e prece de ordenação.

Após a prece, o candidato recebeu das filhas a estola e a casula, teve as mãos ungidas por Dom Alberto que logo em seguida amarrou-as. Depois, como consta da tradição, suas filhas desamarraramnas. Foram elas as primeiras a receber a benção do neosacerdote. Por fim, Padre Humberto recebeu a patena e o cálice, símbolos do ministério sacerdotal, e foi acolhido pelo arcebispo e demais padres com abraço fraterno. Andreia Brito, uma das filhas, conta que foi uma alegria imensa para a família, pois “o chamado ao serviço é uma grande bênção. A Igreja precisa desses trabalhadores. E esse momento histórico, onde o diácono permanente é ordenado sacerdote, vem trazer uma renovação não só para nossa família, mas para a Igreja toda. É um júbilo muito grande.” Para o recém ordenado, foi um sonho de Deus que cresceu dentro do próprio coração e que passou a vivê-lo: “O sonho de Deus que me chamou. Estou muito feliz assim como as minhas filhas que receberam esta tomada de decisão de braços abertos”. Padre Humberto foi provisionado para a Paróquia de Santo Antônio de Pádua, como vigário paroquial.


2

Igreja

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

Côn. Cláudio Barradas

Miscelânea

D

ou prosseguimento, nesta edição, à síntese histórica de nossa Diocese/Arquidiocese, em atenção ao pedido de alguns leitores. Bom proveito. Continuemos: “ E m p r i m e i ro d e maio de 1906, com a bula “Sempiternum Humani Generis”, o futuro São Pio X, papa então reinante, elevou-me a arquidiocese e sede metropolitana, renovando minha consagração a Santa Maria de Belém como minha padroeira principal, tornando minhas sufragâneas, isto é, dependentes, as dioceses do Amazonas, Piauí, Maranhão e Santarém, àquela altura prelazia, até então sufragâneas de Salvador da Bahia. Foi mais um grande passo, uma nova vitória. Digam comigo, três vezes: vitória, vitória, vitória! Desde minha elevação a arquidiocese até este dia, tive, ao todo, dez arcebispos. O primeiro, Dom José Marcondes Homem de Melo, tomou posse por procuração, mas renunciou antes mesmo de assumir. Motivo: em meio à viagem para cá, o navio em que

vinha, junto com Dom José de Camargo Barros, bispo de São Paulo, naufragou na Espanha, tendo sido Dom José uma das vítimas fatais. Abalado com sua morte e sabendo que aqui teria de fazer muitas viagens, temendo acabar como ele, renunciou. O segundo, Dom Santino Maria da Silva Coutinho, foi meu arcebispo por dezesseis anos. Erigiu duas paróquias: a de São José de Queluz, a primeira a ser criada depois que me tornei arquidiocese, e a de São Raimundo Nonato. O quarto, Dom Antônio de Almeida Lustosa, um sábio e um santo, cujo projeto de canonização está em andamento, em seus nove anos de pastoreio, criou sete paróquias. Percorreu, em visita pastoral, ora de canoa, ora a cavalo, ora a pé e, até, deitado em padiola quando acamado, todo meu território, o que, sendo ele um escritor primoroso, resultou no livro “À margem da Visita Pastoral”, imprescindível a quem quer conhecer o Pará, por conter preciosas informações de todo tipo

2º Caderno

(claudiobarradaspe@gmail.com)

Síntese histórica III

LUIZ ESTUMANO

w TÚMULOS: D. Mário, D. Alberto e D. Vicente

sobre esta região. Reabriu o Seminário Nossa Senhora da Conceição, fechado havia muito, e trouxe, para nele atuar, seus irmãos de congregação, os Salesianos de Dom Bosco. Trouxe, ainda, para cá uma congregação religiosa masculina e cinco femininas. O quinto, Dom Jaime de Barros Câmara, só ficou aqui um ano. Criou a paróquia de Nossa Senhora das Graças, Ananindeua. Enriqueceu-me com a aquisição do colégio Progresso Paraense, atual Santa Maria de Belém, da sede do Círculo Operário e do Seminário Ferial, hoje Tabor. O sexto, Dom Mário

de Miranda Vilas Boas, o maior orador sacro do Brasil, na época, governou-me doze anos. Criou cinco paróquias. Se mais não tivesse feito entre nós, bastariam três realizações suas para perenizá-lo em minha memória: a dinamização da Ação Católica, o incentivo à participação ativa dos fiéis na vida litúrgica da igreja e o grandioso sexto Congresso Eucarístico Nacional, em agosto de 53, no local que, para recordá-lo, recebeu o nome de Praça da Eucaristia, atualmente Waldemar Henrique. Até hoje não há quem, tendo tido a felicidade de vivê-lo, não lembre seu

(artpresent@superig.com.br)

29/03 - SEXTA-FEIRA Beata Inês de Chatillon - Monja cisterciense

02/04 - TERÇA-FEIRA São Francisco de Paula - Religioso

Inês, em Latim Agnes, quer dizer pura, casta. Viveu toda sua vida no mosteiro cisterciense de Beaupré, século XVII. Talvez por tanto afinco em sua vida religiosa, não deixou escritos sobre sua vida familiar antes da consagração. Diz-se que ela era da família da rainha Inês de Chatillon da Hungria, que viveu no século XII. Mas o certo é que Irmã Inês viveu intensamente a busca pela perfeição: mergulhando nos mistérios da Eucaristia e da Paixão do Senhor, costumava ser vista em profundo êxtase.

Nasceu 1416 em Paola, Calábria na Itália. Aos 13 anos tornou-se eremita, mas, após realizar um milagre, começou a receber vários discípulos desejosos de seguir seu exemplo de vida dedicada a Deus. Fundou a Ordem dos Mínimos cujo lema: “Quaresma perpétua”. Teve a felicidade de ver a Ordem dos Irmãos Mínimos aprovada pela Santa Sé em 1506. Morreu no dia 2 de abril de 1507. Por uma humildade nem sempre compreendida, nunca quis ser ordenado sacerdote.

30/03 - SÁBADO São Leonardo de Murialdo - Sacerdote e Fundador

31/03 - 4º DOMINGO DA QUARESMA São Guido de Pomposa - Abade beneditino

Nasceu na 2ª metade do séc. X, em Casamare, Itália. Após concluir os estudos na cidade natal, mudou-se para Roma, onde recebeu o hábito de monge beneditino e retirou-se à solidão. Sob a direção espiritual de São Martinho, viveu observando fielmente as Regras. Três anos depois, seu diretor o enviou ao mosteiro de Pomposa. Embora desejasse afastar-se do mundo, seu trabalho como musicista era necessário para a comunidade cristã. Foi diretor espiritual de seu pai e irmãos, que se tornaram religiosos. Também aconselhou o imperador Henrique III.

quias. Seu grande trunfo foi, com a ajuda de seu incansável e dinâmico bispo auxiliar, Dom Carlos Verzeletti, ao depois primeiro bispo da Diocese de Santa Maria (Castanhal), a criação da Fundação Nazaré de Comunicação, integrada pelo jornal Voz de Nazaré, Rádio Nazaré, Televisão e Portal Nazaré. Sou uma das poucas arquidioceses do país, senão a única, a tê-los todos. Para sua informação e formação, que os quatro façam parte de sua vida se ainda não o fazem. Não é favor nenhum e sim, obrigação. Prometem? Promessa é dívida! Dom Vicente me amava tanto que, paraense de coração, ao se tornar emérito, em 2004, aqui ficou até sua volta ao Pai, em 2015. Seus restos mortais, mais os de Dom Alberto e os de Dom Mário, repousam em minha catedral, na área do Altar de Nossa Senhora da Graça. Quando passarem por ela dêem uma entradinha e vão até lá, orar pelos três. Viva Dom Mário, Dom Alberto e Dom Vicente!” Continua... Shalom!

Diác. Benedito Otávio

Santos da semana

Filho de uma família rica e piedosa. Estudou em Turim e em Paris. Ordenado em 1851 na igreja da Visitation, França. Após os estudos na França, retornou à Itália. Fundou a Sociedade de São José em Turin, modelo para os trabalhadores. Fundou também um Centro para meninos delinqüentes. Deu suporte à “União de trabalhadores católicos”. Estabeleceu uma federação nacional para melhorar o nível do jornalismo italiano. Foi advogado de trabalhadores. Faleceu de causas naturais em 1900 em Turim. Aclamado como padroeiro dos aprendizes.

belo hino, letra do saudoso poeta, Cônego Ápio Campos, e música do monge beneditino Dom Plácido de Oliveira, do mosteiro carioca de São Bento. Cantemos sua primeira estrofe com seu refrão. “O Brasil peregrino da história”, etc. Viva Jesus na Eucaristia! Viva o inesquecível Dom Mário! O sétimo, Dom Alberto Gaudêncio Ramos, o único, de meus arcebispos, nascido em Belém, foi o que me governou mais tempo: trinta e três anos. Em sua gestão, construiu o Seminário São Pio X, o edifício Paulo VI, onde funcionam a Cúria e a Fundação Nazaré de Comunicação, o Lar Sacerdotal, a Casa da Juventude, o Centro de Pastoral e o Centro Vocacional Dom Tadeu Prost. Trouxe para cá seis congregações religiosas masculinas e quatro femininas. Restabeleceu seis paróquias. Em 1981 reabriu o Seminário Maior. Viva o grande Dom Alberto Ramos! O oitavo, Dom Vicente Joaquim Zico, dono de um sorriso permanente, encantador, foi meu arcebispo por 14 anos. Criou dez paró-

03/04 - QUARTA-FEIRA São Sisto I - Papa e Mártir

01/04 - SEGUNDA-FEIRA São Hugo de Grénoble - Bispo e Confessor Hugo nasceu numa família de condes, em 1053. Aos 28 anos de idade foi sagrado bispo pelo Papa São Gregório VII. Durante 52 anos ficou à frente da diocese de Grénoble, França, por obediência, embora se sentisse atraído para a vida monástica. Deu apoio a São Bruno, fundador da Ordem Cartuxa, e colaborou eficazmente na reforma da Igreja. Tal era a fama de sua santidade que foi canonizado apenas dois anos depois de ter falecido, no ano de 1132. Pensar que ele era muito jovem quando foi sagrado bispo é não acreditar na ação do Espírito Santo na Igreja.

Filho de um pastor romano, segundo Eusébio em sua obra: “História Eclesiástica”. Foi papa na época dos imperadores Trajano (98-117) e Adriano (117 a 138). Entre suas reformas, está a permissão para os fiéis cantarem junto com o clero o “sanctus”. A proibição de leigos tocarem nos vasos sagrados (patena, cálice, etc.). O corporal passa a ser de linho. Também combateu os gnósticos que questionavam os princípios da existência, ferindo os fundamentos de Cristo. Morto durante a perseguição de Adriano, 125. 04/04 - QUINTA-FEIRA Santo Isidoro - Bispo e Doutor da Igreja

Sucedeu a seu irmão, São Leandro, no Bispado de Sevilha. Desta família de santos temos outros irmãos: São Fugêncio e Santa Florentina. O VIII Concílio de Toledo (653) referiu-se a ele com estas palavras: “doutor insigne, novíssimo ornamento, o varão mais sábio dos últimos séculos, cujo nome deve ser pronunciado com reverência”. Devemos solicitar a intercessão dos santos Espanhóis, que são muitos e importantes (como Santo Inácio de Loyola), devido à grande perseguição contra a Igreja naquele país.


5 3

Igreja SOS África: Moçambique, Zimbabué e Maláui mobiliza CNBB e Cáritas Brasileira

2º Caderno

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

No cenário urgente de ajuda humanitária, cerca de um milhão e meio de pessoas estão desalojadas

C

entenas de milhares de pessoas foram afetadas pela passagem do ciclone Idai que devastou territórios inteiros na África do Sul, no dia 14 de março. Moçambique, Zimbaué e Maláui foram os países mais atingidos pela catástrofe que já é a pior da história enfrentada pela população destes países. Até o momento, pelo menos 750 perderam a vida, mas estima-se que esse número possa passar de mil. No cenário urgente de ajuda humanitária, cerca de um milhão e meio de pessoas estão desalojadas. Para organizar a solidariedade brasileira com as populações atingidas, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e a Cáritas Brasileira lançam a campanha SOS África: Moçambique, Zimbabué e Maláui. Os recursos arrecadados serão utilizados para ações de socorro imediato, água potável, alimentos, roupas, cobertores, kits de higie-

FOTOS: DIVULGAÇÃO

ne, remédios, primeiros socorros e tendas, que serão coordenadas pela Cáritas Internacional, um organismo da Santa Sé. Com a solidariedade de cada pessoa, a Cáritas Internacional quer ainda ajudar na reconstrução de moradias e meios de vida das populações afetadas nos três países. O SOS África: Moçambique, Zimbabué e Maláui conclama a sociedade brasileira, as dioceses, paróquias, comunidades, congrega-

ções religiosas, colégios e todas as pessoas de boa vontade, para uma grande corrente de oração e solidariedade em favor das pessoas atingidas por esta tragédia. “Que o Deus da vida e da ternura derrame suas bênçãos sobre cada pessoa e comunidade pela colaboração e gesto amoroso, em favor das famílias de Moçambique, Zimbábue e Maláui”. Diz um trecho da carta assinada pelas presidências da CNBB e da Cá-

w POPULAÇÃO de Moçambique vive dias de extrema dificuldade

ritas Brasileira, enviada para todas as paróquias do Brasil.

Três contas bancárias geridas pela Cáritas Brasileira estão disponíveis

para doações. Favorecido Cáritas Brasileira CNPJ 33.654.419/0001-16:

SERVIÇO Banco do Brasil Agência: 0452-9 Conta corrente: 49.667-7

Agência: 3100 Conta corrente: 12.061645-0 Serviço: Lançamento campanha SOS África: Moçambique, Zimbabué e Maláui Data: 25 de abril de 2019. Outras informações: Jucelene Rocha e-mail comunicacao@caritas.org.br - Tel e Whatsapp (11) 98694-1616 ou Osnilda Lima e-mail osnilda@caritas.org.br - Telefone e Whatsapp (61) 98366-1235

Caixa Econômica Federal Agência: 1041 Operação 003 Conta corrente: 432203 Banco Santander

Cáritas apresenta ao Conselho Permanente o conjunto de ações SOS África O diretor-executivo da Cáritas Brasileira, Luiz Cláudio Lopes da Silva (Mandela), explicou aos bispos, assessores e convidados que participam da reunião do Conselho Permanente, na manhã do dia dia 27 de março, as ações do SOS África (Moçambique, Zimbábue e Malaui) lançada no último dia 25 de março pela Cáritas Brasileira e perla Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Trata-se de um conjunto de ações de emergência para a resposta humanitária da Igreja no Brasil ao povo africano, especialmente a população de Moçambique, atingida na madrugada do dia 14 de março pelo ciclone Idai responsá-

vel até o momento pela morte de cerca de 750 pessoas e pelo impacto na vida de mais aproximadamente 1,8 milhões de pessoas. Dentre estas 1 milhão de crianças, segundo o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). “Trata-se de uma cenário urgente de ajuda humanitária”, reforçou o diretor-executivo da Cáritas brasileira. Mobilização no Btasil – Segundo Mandela, a Campanha SOS África, por meio da CNBB, enviou uma carta a todos os bispos brasileiros e está disponibilizando um conjunto de matérias (cartazes, vídeos, spots para rádios e cards para redes sociais) para que os cristãos brasileiros possam ajudar a disseminar esta mensagem

desdobrará em três etapas: Nos dois primeiros meses, concentra-se em fornecer roupas, alimentos, remédios e na ajuda para garantir o trabalho dos voluntários. Nos seis meses seguintes, a campanha concentrará-se no atendimento médico e na atenção psico-social das vítimas. Na terceira fase, buscará ajudar a população local a reconstruir seus meios de vida (habitação, trabalho, etc). w APRESENTAÇÃO do projeto S.O.S. África para os Bispos

de solidariedade e mobilizar a solidariedade do povo brasileiro ao povo africano. Mandela informou que todos os 165 países onde tem Cáritas estão sendo mobilizados para ajuda humanitária à

África. A Igreja no Brasil, lembrou, está presente por meio de seus regionais Sul 1 e Sul 3 com cerca de 100 missionários no continente africano, especialmente na diocese de Pemba, em Moçambique. Mandela

disse que está em constante diálogo com o dom Luiz Fernando, de Pemba, com as escolas católicas presentes na região e com a Cáritas internacional. A ajuda humanitária, segundo Mandela, se

O diretor-executivo da Cáritas Brasileira apresentou ainda aos bispos do Conselho Permanente a publicação“Ferramentas da Cáritas Brasileira para resposta a emergências”. Segundo ele, especialmente no Brasil trata-se de uma experiência voltada para os casos de enchentes.

Ação Solidária na Catedral de Belém A Catedral Metropolitana de Belém, em parceria com seus apoiadores, promove a Ação Solidária “Saúde dos Rins para todos” no próximo dia 30 de março, no Centro de Evangelização São João Paulo II, localizado na Rua Doutor Assis, na Cidade Velha, a partir das 8h. A Ação ofertará servi-

ços de aferição de pressão arterial, orientação nutricional, exames de glicemia, eletrocardiograma, urianalise, teste rápido de hepatites, avaliação oftamológica e consultas clínicas. Esta edição da Ação Solidária é motivada pelo tema da Campanha da Fraternidade 2019 “

Fraternidade e Políticas” possibilitando o acesso

aos serviços de saúde a comunidade.

SERVIÇO Ação Solidária “Saúde dos Rins para todos” Data: 30 de março de 2019 Horário: 8h às 12h. Local: Centro de Evangelização São João Paulo II Rua Doutor Assis, 130 – Cidade Velha Mais informações: acesse as redes sociais da Catedral


4

Igreja

C

om informações da Pascom. Uma celebração eucarística na manhã do último dia 22 de março, sexta-feira, marcou o aniversário de cinco anos de fundação da Paróquia de Nossa Senhora de Nazaré, na Vila de Maiuatá, cerca de 20 km do município de Igarapé-Miri, Diocese de Cametá. A Santa Missa de ação de graças, presidida por Monsenhor Raimundo Nonato Martin, Vigário Geral Diocesano, contou com massiva participação da comunidade. A criação da paróquia de Vila Maiuatá é um marco histórico importante na vida de todos os paroquianos, indo muito além dos limites geográficos, pois encontra eco em todos os corações fiéis sedentos por Deus. A paróquia é o lugar por excelência onde se realizam a partilha e o encontro. “A ação de graças é sentida por todos os que foram destinados à missão e se abriram à força do Espírito de Deus, através dos bens humanos, materiais e espirituais, proporcionando às nossas comunidades cristãs a colheita fecunda, fruto do Evangelho. Bendito seja

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

2º Caderno

Paróquia em Igarapé-Miri celebra cinco anos de fundação Evento ocorreu na Paróquia de Nossa Senhora de Nazaré, na Vila de Maiuatá FOTOS: DIVULGAÇÃO

w MISSA ação de graças, presidida por Monsenhor Raimundo Nonato

Deus por tudo isso”, disse Monsenhor Raimundo Nonato na homilia. Durante a Santa Missa, Raimundo Silva, conhecido como Turiba pela comunidade, foi homenageado pelo seu aniversário de 60 anos.

“É difícil falar da Festa de Nazaré e dos cinco anos da paróquia, sem falar do Turiba. Porque, na realidade, a pessoa do Turiba sempre foi nossa referência”, disse o diácono Luiz Otávio. Após a celebração eucarística, os

fiéis dirigiram-se ao salão paroquial, onde foi oferecido almoço comunitário. PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DE NAZARÉ

A Paróquia de Nossa Senhora de Nazaré,

w PARÓQUIA da Diocese de Cametá

quando era Comunidade Cristã, pertencia à Paróquia de Sant’Ana, de Igarapé-Miri, e teve sua elevação na manhã do dia 22 de março de 2014, com a bênção de Deus, pelas mãos de Dom Jesus Maria, na época bispo

da Diocese de Cametá. Seu primeiro pároco foi o Padre Denes Lima e o segundo e atual, Padre Pedro Henrique. Atualmente compõem a paróquia, 50 comunidades mais a comunidade centro, a matriz.

Formação para comunicadores dos regionais da Amazônia Legal

C

om a aproximição do Sínodo da Amazônia, a se realizar em outubro deste ano, a Rede Eclesial Pan-Amazônica/Repam-Brasil promoveu, de 22 a 24 de março, em Brasília (DF), o encontro de formação para comunicadores das seis regionais da CNBB da Amazônia Legal. O Regional Norte II contou com representantes da Arquidiocese de Belém e das dioceses de Santarém e Óbidos. Os participantes do Regional Norte II - Cônego Roberto Cavalli Jr., Diretor Geral da Fundação Nazaré de Comunicação; Padre Nilton Cézar Reis, da Pascom Arquidiocesana de Belém; Carolyne Rodrigues e Leonardo Monteiro, do Setor de Comunicação da CNBB

Norte 2; Aritana Aguiar e Joelma Viana, da Diocese de Santarém; e o diácono Adalberto Santos, da Diocese de Óbidos (PA) -, conheceram o plano de comunicação institucional e organizacional da Repam. A programação contou com a apresentação da comunicação amazônica e popular além de um circuito de oficinas de redes sociais, texto, rádio, foto e vídeo. Também foram apresentados cases de iniciativas, como o coletivo de comunicação da rede “Justiça nos Trilhos” do Maranhão; a TV da Diocese de Juína, no Mato Grosso; e a revista da Arquidiocese de Manaus, “Arquidiocese em Notícias”, e da Pastoral da Juventude do Acre, “A voz da juventude”.

YOUCAT

w CÔN. Roberto, padre Nilton, com outros participantes do regional

Essas formações foram pensadas para atender à proposta de comunicação presente no plano elaborado pelo grupo de trabalho de comunicação da Repam. Os valores estabelecidos dizem respeito a uma comunicação destinada a provocar, estimular e apoiar o pro-

cesso de transformação social nas comunidades amazônicas. Para o cônego Roberto, o evento obteve êxito ao promover o encontro de integrantes das várias dioceses da Amazônia brasileira e, com isso, a troca de experiências: “cada um adicionou conheci-

mento, a partir da sua realidade. Cada diocese, cada paróquia, contou como é feito o uso das redes de comunicação em suas dioceses. Além disso, pudemos nos inteirar sobre o Sínodo da Amazônia, procurando trazer para nossa realidade a importância de nós comunicarmos

este importante evento da Igreja do mundo que de maneira especial vem tratar da Amazônia”. Irmã Irene Lopes, diretora executiva da Repam-Brasil e assessora da Comissão Episcopal Especial para a Amazônia da CNBB, esteve presente em grande parte da programação e reforçou aos comunicadores a importância da articulação das dioceses: “esse trabalho vem sendo desenvolvido já há bastante tempo, porque é uma necessidade da Igreja na Amazônia de se articular enquanto comunicação. E nós sabemos que pelas distâncias e pela dificuldade de internet ou outros meios de comunicação, isso se torna muitas vezes até inviável para o nosso trabalho evangelizador”.

TERCEIRA PARTE

A VIDA EM CRISTO SEGUNDA SEÇÃO: OS DEZ MANDAMENTOS SEGUNDO CAPÍTULO

Ama o teu próximo como a ti mesmo A masturbação é um atentado o amor? 409-contra 410- O que se entende por “fornicação”?

O

Jornal Voz de Nazaré segue os estudos sobre o YOUCAT - Catecismo da Igreja Católica, escrito para JOVENS que querem saber em que acreditam. Este projeto iniciou-se por ocasião da Jornada Mundial da Juventude, Rio, 2013.

A masturbação é um atentado contra o amor porque torna a estimulação do prazer num fim em si mesmo e desvia a pessoa do desenvolvimento integral do amor entre o homem e a mulher. Por isso, o “sexo consigo mesmo” é, em si mesmo, uma contradição. [2352]

A fornicação (gr. porneia) significa, originalmente, as práticas sexuais pagãs, como a prostituição sagrada. Posteriormente, o termo passou a referir-se a todos os tipo de ações sexuais fora da comunhão conjugal. Hoje é vulgarmente empregado em sentido penal (formicação com menores ou dependentes, etc..) [2353]


2º Caderno

A

os 94 anos de idade e 70 anos de missão, faleceu na manhã, da última quinta-feira, 21, às 5h40, a religiosa do Instituto Religioso Diocesano Legião de Nossa Senhora Rainha dos Corações, Irmã Sebastiana da Silva Reis, natural de Belém. A celebração das exéquias foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, às 14h, do mesmo dia, na Capela Nossa Senhora Rainha dos Corações, situada no próprio instituto, localizado na Avenida Almirante Barroso, na Passagem Rainha dos Corações, 26, no Castanheira. Seu sepultamento ocorreu na tarde do dia 21, em um cemitério particular da Região Metropolitana de Belém. Irmã Sebastiana encontrava-se hospitalizada desde o dia 8 de fevereiro, em virtude de problemas pulmonares, que vitimou a mais antiga das irmãs do Instituto Religioso Diocesano Legião de Nossa Senhora Rainha dos Corações, fundado pelo padre Theodoro Maria Kokke, em 1944, em Belém. Atualmente, o instituto tem 17 religiosas e uma noviça, denominadas de L egionárias de Nossa Senhora Rainha dos Corações. As religiosas têm como carisma propagar o Evangelho, através da distribuição do “Legionário”, que contém a leitura do Evangelho, sua reflexão e outras mensagens. Natural de Belém, irmã Sebastiana da Silva Reis, nasceu em 20 de janeiro de 1925, tinha 70 anos de

5 5

Arquidiocese Trabalho e vida de oração, legados da irmã Sebastiana Reis BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

Irmã Sebastiana da Silva Reis faleceu na manhã, da última quinta-feira, dia 21 LUIZ ESTUMANO

w DOM ALBERTO presidiu celebração das exéquias realizada na capela do Instituto LUIZ ESTUMANO

w ADEUS religiosas, familiares e amigos durante os últimas homenagens para a religiosa

missão na Congregação. Durante as sete décadas de votos dedicou-se à missão atuando em São Paulo, Manaus, Marabá, Recife e Belém. Segundo irmã Evenáurea Souza, diretora do Instituto, destacou as qualidades da irmã Sebastiana: “Muito ardorosa na sua missão, em sua propagação do Evangelho, muito zelosa quando trabalhou na livraria Rainha dos Corações, como gerente administradora, uma irmã santa”. Para ela, Irmã Sebastiana deixa um grande legado. “Ela era uma pessoa de muita piedade, tinha a devoção como o auge da vida dela. Um dos legados que ela deixa para a gente é que mesmo na vida ativa; a vida religiosa, a espiritualidade, adorações, sempre foram prioridades. Ela trabalhou e se destacou na distribuição do Legionário, com muito zelo e empenho. O que ela deixa de legado são: trabalho e vida de oração. Recordo o dia que a Irmã Sebastiana disse para a sucessora, atual gerente administradora da livraria, Elizangela Santos, ‘Trabalho nunca acaba’, em seguindo saiu sorrindo, após ver a religiosa trabalhar até tarde. Ou seja, sabia reconhecer os limites e dar limites para o trabalho”, disse.

INSTITUTO A Legião de Nossa Senhora Rainha dos Corações como toda grande obra teve o seu prelúdio. Em 1926, chegava a Belém, precisamente na vila Pinheiro, hoje Icoaraci, um fervoroso sacerdote, pertencente à Congregação Religiosa dos Missionários da Sagrada Família, seu nome: Theodoro Maria Kokke. Aquele zeloso sacerdote, com o auxilio de paroquianos iniciou seu trabalho de visita às famílias para transmitir os ensinamentos do Evangelho de Jesus Cristo, com bons resultados. Em 1938, foi transferido para Belém, como reitor da Igreja das Mercês e assistente da Ação Católica feminina, que naquele tempo estava no auge de suas atividades. Com o auxilio desta agremiação, padre Theodoro continuou em Belém o trabalho das visitas domiciliares tendo como “cartão de visita” o jornalzinho “O Domingo” que a partir de 7 de março de 1948

foi substituído pelo “O Legionário” dos Padres Paulinos. Em fins de 1939 com o apoio de Dom Antonio de Almeida Lustosa, iniciou a Livraria de Nossa Senhora Rainha dos Corações, ao lado da Igreja das Mercês, onde permanece até hoje. No dia 5 de maio de 1942 fundou o primeiro núcleo da Boa Imprensa, que são formadas por senhoras que têm a função de sair distribuindo nas casas o Legionário, gratuitamente. Depois outros núcleos foram surgindo nas paróquias de Belém. Ele estava à frente de todas estas atividades. Em 14 de janeiro de 1943, escreveu: “Estou consolidando a obra da Boa Imprensa com o desejo de fundar uma agremiação de moças com vida de comunidade e regulamento de vida. Nada de hábito religioso e depois vida ativa. Devem ser verdadeiras missionárias.” Em 18 de outubro de 1943 voltou a escrever: “Se não se funda uma

DIVULGAÇÃO

w INSTITUTO Nossa Senhora Rainha dos Corações, no Castanheira

obra eu morro qualquer dia e a obra atual descerá comigo à sepultura”. Iniciou então os convites entre as jovens suas conhecidas. Em 02 de julho de 1944, sete jovens se reuniram na sede da Ação Católica, eram elas: Tereza Coutinho de Oliveira, Edmée Zorphir Duarte, Mirtes da Silva Gomes, Gilda Loureiro, Dária Xavier de Souza, Maria Pereira

Mendonça e Maria das Neves. Estas formaram a nova obra que deveria levar o nome de Companhia de Maria Rainha dos Corações. No dia 02 de julho celebrava-se a festa da visitação. Nenhum dia parecia mais próprio que esse para o início de uma obra cujo apostolado principal é a visita domiciliária. Levar Jesus às almas, como Nossa Senhora naquele

tempo, seguindo-lhe os passos, revestindo-se de seus sentimentos. Nesta data com celebração da Santa Missa na capela do Colégio Divina Providência, padre Theodoro deu inicio a Companhia de Maria Rainha dos Corações que depois por sugestão de Dom Mario Miranda Vilas Boas e sendo aceita pelo fundador e pelas Irmãs, passou a ser Legião de Nossa Senhora

Rainha dos Corações. A Legião é composta de varias categorias de pessoas, são estas: As Legionárias de Nossa Senhora Rainha dos Corações as quais vivem em comunidade e fazem votos simples e anuais, tem como fim principal a glória de Deus; Propagandistas da Legião: são pessoas que trabalham ativamente nas obras de apostolado e Cooperadores Vocacionais: São pessoas que fecundam estas obras com ajuda financeira, orações e sacrifícios. A característica particular da Legião é viver a Verdadeira Devoção a Nossa Senhora, conforme doutrina de São Grignion de Montfort. Por Maria, deverão elas esforçarem-se por conquistar a sociedade toda para Cristo, principalmente através do apostolado da Boa Imprensa, visita domiciliária e toda qualidade de apostolado anexo conforme as necessidades e as circunstâncias.


6

Arquidiocese

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

2º Caderno DIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

w ESPIRITUALIDADE participantes com vários momentos de oração

C

erca de 150 homens participaram da Imersão Mariana 2019, retiro interno do Movimento Arquidiocesano Terço dos Homens Mãe Rainha (THMR), realizado de 23 a 24 deste mês, no Seminário Mãe da Divina Providência, em Benevides. Formações, Adoração ao Santíssimo Sacramento e um momento dedicado aos testemunhos constaram da espiritualidade. palestras, formações, Adoração ao Santíssimo Sacramento e um momento dedicado aos testemunhos. Houve Missa também na programação, presdida por Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo Metropolitano de Belém. O retiro é voltado apenas para os membros do Movimento Terço dos Homens. A Imersão Mariana é anual, sempre no mês de março, e ocorreu pela sexta vez. DIA MUNICIPAL

A Lei Municipal nº 9284, de junho de 2017, instituiu o dia 20 de mar-

w CELEBRAÇÃO foi presidida pelo Arcebispo de Belém, Dom Alberto

Terço dos Homens faz imersão mariana em Benevides Programação ocorre sempre no mês de março e já está na sexta edição DIVULGAÇÃO

w NA CÂMARA MUNICIPAL de Belém, realização de sessão especial

ço como o Dia Municipal do Terço dos Homens. A fim de incentivar um envolvimento mais forte dos cristãos no meio religioso, a Câmara Muni-

cipal de Belém, celebrou a memória da data com sessão especial no dia , 21, na capital paraense. Representantes de diversas paróquias da Ar-

quidiocese de Belém estiveram presentes à sessão. A sessão foi realizada pelo presidente da casa, vereador Mauro Freitas, autor da lei, que desta-

cou a importância do Movimento Arquidiocesano do Terço do Homens Mãe Rainha. "O momento é de reunir homens de todas as idades, já que a presença masculina na igreja é imprescindível para a formação da família e de uma sociedade melhor", disse o parlamentar. E continuou o vereador: “É importante que os homens, junto com suas famílias, esposas, filhos estejam sempre na igreja e não percam a fé, principalmente no momento de crise e violência em que o nosso país vive. A reconstrução dos lares pode vir pela oração”, disse Mauro. ORIGEM - A oração do terço dos homens inIcioU no século XIII,

como defesa dos cristãos contra a perseguição do império romano. No Brasil, os primeiros registros são de 1936, em Sergipe. Desde então, os grupos do Terço dos Homens cresceram muito nos últimos anos e mostram que a devoção a Nossa Senhora tem sido o refúgio de homens e mulheres em busca do fortalecimento da fé. BELÉM - A oração mariana difundida pelos homens começou há 12 anos na comunidade São José, pertencente à Paróquia de Nazaré. Eram 10 pessoas que se reuniam para um momento de louvar a Deus por graças alcançadas. Hoje são mais de 6 mil pessoas espalhadas por 89 paróquias da Arquidiocese de Belém.

Vigília 24 Horas para o Senhor na Igreja das Mercês Arquidiocese de Belém promove um momento forte de Vigília e Adoração “24 horas para o Senhor” no dia 29 de março, a partir das 17h, na Igreja das Mercês, localizada no bairro da Campina, em Belém. A Vigília é um pedido do Papa Francisco ao mundo para um forte momento de oração. “24 horas para o Senhor” é realizada na terceira sexta-feira do período da Quaresma, tempo de oração, jejum e caridade vivido pela Igreja. Em Belém, a Igreja das Mercês acolhe os fiéis para viver essa ocasião de adoração e vigília, a partir das 17h, com celebração eucarística e extensa programação até 17h do dia 30 (sábado). Após a Santa Missa terá início a Adoração ao Santíssimo Sacramento e em seguida a celebração penitencial. A Via Sacra está programada para iniciar às 20h, com duas horas de duração, e às 22h terá pregação com o tema “Conversão

LUIZ ESTUMANO

e em seguida a Adoração ao Santíssimo Sacramento. No início do dia 30, 00h, haverá celebração eucarística e as atividades seguem com a Via Sacra, momento da Misericórdia (3h) e pregação sobre perdão. No começo da manhã, às 6h, ocorre Santa Missa seguida de Adoração, momento mariano, Via Sacra, um momento de penitência e Adoração. A parte final da programação começa às 12h, com celebração eucarística e Adoração ao Santíssimo Sacramento. A partir das 14h terá pregação com a temática da oração, momento da misericórdia e momento penitencial. O encerramento da Vi- w IGREJA das Mercês, em Belém, apta à Vigília. gília será com Santa Missa, às 17h. O Papa Francisco dará São Pedro de sexta-feira, Papa convoca “24 ho- início à 6ª edição da tra- dia 29 de março. A iniras de oração para o Se- dicional iniciativa “24 ho- ciativa nasceu em Roma nhor”. ras de Oração para o Se- há seis anos, mas logo se nhor”, com a celebração tornou mundial, unindo VATICANO penitencial na Basílica de espiritualmente ao Santo

Padre as Igrejas espalhadas nos cinco continentes, e oferecendo a todos a possibilidade de fazer experiência pessoal da infinita misericórdia de Deus. TEMA - O tema deste ano será a frase do Evangelho de João: “Nem eu te condeno (Jo 8, 11). A jornada, que será marcada pela Adoração Eucarística, pela reflexão e pelo convite à conversão pessoal, propõe a contemplação da imagem de Jesus, que ao invés da multidão reunida para julgar e condenar, oferece a sua infinita Misericórdia como ocasião de graça e de vida nova.

RECONCILIAÇÃO

Como recorda o Santo Padre na Carta Apostólica Misericordia et Misera “O sacramento da Reconciliação precisa voltar a ter o seu lugar central na vida cristã (…), uma ocasião propícia pode ser a celebração da iniciativa 24 horas para o Senhor nas proximidades do IV Domingo da Quaresma, que goza já de amplo consenso nas dioceses e continua a ser um forte apelo pastoral para viver intensamente o sacramento da Confissão”. O mundo inteiro está convidado para abrir-se à Misericórdia de Deus com as “24 horas para o Senhor” que o Papa Francisco dará início com a Celebração Penitencial desta sexta-feira (29).

SERVIÇO Vigília “24 horas para o Senhor” Período: 29 e 30 de março de 2019. Horário: a partir das 17h (29/03) Local: Igreja das Mercês Travessa Frutuoso Guimarães - Campina


Arquidiocese Arquidiocese de Belém dá início às Visitas Pastorais Missionárias

2º Caderno

T

eve início na última segunda-feira, 25, na Matriz da Paróquia de Nossa Senhora do Bom Remédio, no Conjunto Satélite, a Visita Pastoral Missionária na Região Episcopal do Coração Eucarístico de Jesus. Promovidas pela Arquidiocese de Belém e coordenadas por Dom Irineu Roman, as visitas missionárias são parte das celebrações jubilares dos 300 anos com o objetivo de animar pastoralmente as regiões episcopais. As visitas pastorais constarão com a participação dos bispos de Belém, sempre com uma celebração solene na sexta-feira da semana em curso, além de ciclo de palestras sobre a Igreja, reuniões, visitas e formações, além de uma celebração solene de encerramento presidida por um dos bispos. Tem por objetivo principal a evangelização do povo de Deus. Com as visitas missionárias, a Arquidiocese de Belém estará colocando em prática a orientação do Papa Francisco na exortação Apostólica Evangelii Gaudium (Alegria do Evangelho, em português) que pede uma Igreja em saída e missionária. Segundo Dom Irineu Roman cada região episcopal programou com a ajuda dos bispos estas semanas missionárias, em substituição neste ano jubilar das visitas pastorais: “dentro desta programação todos serão envolvidos na missão: bispos, padres, diáconos, religiosos e leigos. Em todas as regiões acontecerá uma preparação dos missionários para a visita de porta em porta, despertando as famílias e o povo para a fé e a vida cristã” Sendo mais ampla que a visita pastoral, as

5 7

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

Coordenada por Dom Irineu, programação é parte das celebrações jubilares visitas missionárias envolverão todas as instâncias da Igreja. Terão um caráter de animação da vida cristã. As visitas missionárias serão um estímulo para as comunidades e paróquias continuarem com a proposta de evangelização, onde toda a Igreja precisa ser missionária. Durante as visitas missionárias haverá escuta, diálogo e propostas de novos caminhos para melhorar o trabalho da Igreja, tanto do ponto de vista espiritual, missionário e também quanto à caridade e no social. “Esperamos que com essas visitas, os cristãos despertem na prática das virtudes, na vivência do Evangelho em vista de um mundo mais humano, fraterno, onde possa reinar a justiça e a paz. Pretendemos anunciar a todos os valores humanos, morais e cristãos. Tudo isso será realizado

LUIZ ESTUMANO

w INÍCIO na Matriz da Paróquia de Nossa Senhora do Bom Remédio

de forma simples, aonde iremos ao encontro das pessoas antes conhecer a realidade de cada família, nos colocando à disposição, como Igreja, no sentido de sermos servidores da fé, esperança e caridade.” A programação de cada visita missionária tem por finalidade a prepara-

ção através da formação e espiritualidade. Haverá momentos de visita às famílias, aos doentes, celebrações com a juventude, peregrinações, reuniões com coordenadores e secretarias paroquiais, com os conselhos paroquiais e conselho econômico. Dom Irineu explica, ainda, que durante

cada semana haverá celebração da unidade, onde a região episcopal celebrará junto num determinado lugar: “cada região elaborou, de acordo com sua realidade, o seu jeito de realizar essa Semana Missionária.” A programação na Região Coração Eucarístico finaliza neste domingo,

31 de março. A próxima será na Região Episcopal São João Batista (14 a 19 de maio), Região Episcopal Menino Deus (20 a 26 de maio), Região Episcopal São Vicente de Paulo (27 de maio a 2 de junho), Região Episcopal Santa Cruz (11 a 16 de junho), Região Episcopal Sant’Ana (24 a 30 de junho) e Região Episcopal Santa Maria Goretti (13 a 18 de agosto). Após a última, haverá as devidas avaliações dos resultados obtidos com todas elas: “ao final do ano, quando terminarem as visitas missionárias, haverá diversas avaliações, até porque a evangelização continua, pois está previsto para o próximo ano a realização de um Sínodo Arquidiocesano. O anúncio do Evangelho não pode parar, pois Jesus disse: “Ide por todo o mundo e anunciai o Evangelho a todas as criaturas” (Mc 16,15).”

CORAÇÃO EUCARÍSTICO A Visita Pastoral Missionária da Região Coração Eucarístico de Jesus teve início durante Missa, na quadra paroquial de Nossa Senhora do Bom Remédio, quando houve também a ordenação presbiteral do Diácono Humberto Paiva e marcou, ainda, o aniversário de posse canônica de Dom Alberto em Belém. Na terça-feira, 26, houve missão nas paróquias de Santa Luzia do Bom Futuro e de Nossa Senhora Rainha da Paz, no Bengui. Dia 27,

Dom Antônio esteve na Paróquia de Nossa Senhora do Bom Remédio, enquanto que Dom Alberto na de Santo Antonio de Pádua, no Coqueiro. Na Matriz de São José de Anchieta, houve reunião do clero, na quinta-feira, 28. Ainda no dia 28, houve procissão luminosa com o Santíssimo Sacramento, saindo de São José de Anchieta em direção da Matriz da Natividade de Nosso Senhor Jesus Cristo. Nesta sexta-feira, 29, está previsto missão na Paróquia Santa Terezinha do Menino

Jesus, com Dom Irineu. Pela manhã, Dom Alberto visitará Centro de Recuperação Coqueiro, em que haverá trabalho realizado por um pequeno grupo autorizado a entrar. À noite, às 19h, Santa Missa na quadra do Colégio CEEP, no Conjunto Maguari, com o tema sobre a unidade e presença de todos os bispos. No sábado, 30, na quadra paroquial do Bom Remédio, haverá pela manhã reunião com os secretários e com os membros dos conselhos paroquiais para assuntos eco-

nômicos (COPAE). Às 19h, haverá Santa Missa na Matriz de Nossa Senhora do Bom Remédio com os missionários, presidida por Dom Alberto. O encerramento, no domingo, 31 de março, será com missa nas matrizes das seguintes paróquias: Santa Edwiges (Dom Alberto), Arcanjo São Miguel (Dom Antônio), Coração Eucarístico (Dom Irineu), Santa Terezinha do Menino Jesus (Dom Alberto), Santa Luzia do Bom Futuro (Dom Irineu) e Nossa Senhora de Lourdes (Dom Antônio).

Goretti Esporte e Cidadania realiza sopão solidário Jovens e adultos do Projeto Católico Goretti Esporte e Cidadania reúnem-se no mês de abril para realizar mais uma edição do “Sopão Solidário”, que atende às pessoas em situação de rua na Região Metropolitana de Belém (RMB). A iniciativa ocorre mensalmente e, busca servir as pessoas em situação de rua, levando alimento do corpo através de um prato de comida e, ainda, alimentar a alma pela evangelização. A ação ocorre na segunda-feira, dia 1º, com concentração em frente a uma rede de supermercados localizado, na Avenida Governador José Malcher, entre as travessas Castelo Branco e 14 de abril, no bairro de São Brás, saída a partir das 19h.

A ação e uma das atividades realizadas pelo projeto que existe há oito anos, que objetiva valorizar os jovens na sua essência, por meio da prática do esporte, da evangelização e da formação. A distribuição da alimentação não se resume a um prato de sopa, é mais que isso, pois leva aquilo que está distante de uma pessoa em situação de rua, como: frutas, arroz com galinha, suco, mingau, hot-dog, refrigerante, salgados, doces, e outros. Estes alimentos são possíveis oferecer graças à doação dos próprios jovens do projeto e de parceiros que se solidarizam com a causa. No local da concentração, os jovens, têm um momento de espiri-

DIVULGAÇÃO

responsáveis por chegarmos até aqui”. PROJETO

w JOVENS do Projeto Católico Goretti Esporte e Cidadania

tualidade para ir ao encontro dos irmãos - pessoas em situação de rua – e, em seguida levar a Palavra de Deus, fraternidade, afeto e respeito. Após este momento de acolhida, os jovens saem às proximidades do

bairro de São Brás, para levar aos irmãos tudo que é proposto e, é claro, a partilha dos alimentos. Segundo o coordenador do projeto, pedagogo Thiago Gomes, a iniciativa foi inspirada em dois santos; São João Pau-

lo II e Santa Teresa de Calcutá. São João Paulo II pela frase ‘Quem não vive para servir, não serve para viver’ e Santa Teresa de Calcutá pela generosidade com os irmãos desprovidos. E disse: “Foram eles os

O projeto católico Goretti Esporte e Cidadania existe há oito anos e objetiva valorizar os jovens na sua essência, por meio da prática do esporte, da evangelização e da formação. Jovens na faixa etária de 13 a 23 anos podem aderir ao projeto, sendo fundamental que todos participantes do projeto estejam engajados nas pastorais, grupos e movimentos da Paróquia. Entre as atividades realizadas pelo projeto estão: os torneios esportivos com várias modalidades, Lançai as Redes, Cristo Dance, retiros, Sopão Solidário, Pedalar com Cristo, Ação Social e outras.


8

Em Nazaré

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

2º Caderno

Paróquia de Nazaré promove Encontro de Jovens com Cristo Programação acontecerá na Creche Sorena

N

os dias 29, 30 e 31 deste mês acontecerá mais uma edição do Encontro de Jovens com Cristo (EJC) da Paróquia de Nazaré. Local: Creche Sorena, que é uma das instituições mantidas pelas Obras Sociais da Paróquia de Nazaré, localizada no bairro Cremação, em Belém. De acordo com a organização do evento,

tudo está sendo preparado com muito amor para receber os jovens: “nosso principal objetivo é levar os jovens até Jesus bem como engajá-los nos movimentos e pastorais da Paróquia, principalmente nos grupos de jovem, Pastoral Familiar e comunidades. Estamos dando o nosso máximo e nos entregando totalmente a essa missão, para que esses jovens que

Deus escolheu tenham um verdadeiro encontro com Ele”, comentou Giovanna Pinheiro, membro da comissão de organização do EJC. Para inscrever-se os interessados devem solicitar a ficha de participação pelos telefones (91) 98095-9918/984007774. Valor por pessoa: R$ 30,00. Podem participar jovens que tenham entre 17 e 25 anos de idade. Participe!

Pastur deu início à formação de novos monitores A Pastoral do Turismo (Pastur) da Paróquia de Nazaré começou nesta semana o período de capacitação dos candidatos a novos monitores. Na programação: palestras como ‘Qualidade no Atendimento ao Público’, ‘História e Arquitetura da Basílica’, ‘Ícones do Círio de Nazaré’, além da apresentação de espaços como o Memória de Nazaré e a Capela Bom Pastor. 15 candidatos participaram do treinamento que segue nos próximos dias. A coordenadora da Pastoral do Turismo de Nazaré, Janes Jaques, fez a acolhida dos parti-

ALINE ANDRADE

cipantes e desejou que todos contribuam e se empenhem: “No espaço da Basílica de Nazaré vocês terão um ambiente de paz e tranquilidade para desempenhar um trabalho excelente, recebendo os devotos e turistas”. HISTÓRICO

A Pastoral do Turismo da Paróquia de Nazaré teve início com o projeto “Conhecendo a Casa de Maria”, que antes pertencia à Pastoral da Acolhida até 2013. Em 2014 conseguiu estruturarse e consolidou-se em maio desse mesmo ano. Suas principais ações:

w PASTORAL DO TURISMO Novos monitores da PASTUR da Paróquia de Nazaré

Mini-Círio de Nossa Senhora de Nazaré e a apresentação teatral "A Origem", do Grupo Cacilda Becker. Essa Pastoral tem como função informar aos turistas e à comunidade

em geral a importância do Círio como um patrimônio imaterial, proporcionando a todos os envolvidos conhecer

a história da Basílica Santuário de Nazaré – desde o “achado” da Imagem Original até a construção do Santu-

ário, bem como seus espaços, Capela Bom Pastor, o Memória de Nazaré, a Casa de Plácido e outros.


2º Caderno

Em Nazaré

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

5 9

Círio 2019: apresentação dos projetos de Patrocinador e Apoiador Oficial Diretoria está recebendo empresas interessadas

A

Diretoria da Festa de Nazaré realizou no dia 28 o coquetel de lançamento dos projetos de Patrocinador/Apoiador Oficial do Círio 2019, na FAEPA. O evento tem o objetivo de captar recursos para a realização do Círio e para as obras sociais da Paróquia de Nossa Senhora de Nazaré. A programação contará com a presença do professor Édson Franco, em uma palestra que abordará a relação do empresário e a Igreja. Para a edição de número 227 do Círio o diretor-coordenador da festa, Claudio Acatauassú, destaca a importância dos patrocinadores e apoiadores para a rea-

lização do maior evento de fé e adoração à Nossa Senhora: “Além das procissões, este apoio é importante para ajudarmos nas diversas ações sociais que a Paróquia de Nazaré realiza durante o ano, que atendem seis comunidades e três creches, com mais de 700 crianças e jovens, além de promover a recuperação, manutenção e melhoria da BasílicaSantuário, entre outras”, ressaltou. A Diretoria da Festa está recebendo empresas interessadas em participar com cotas de patrocínio e também de apoio ao Círio de Nazaré. O projeto Patrocinador Oficial do Círio

Paróquia anfitriã da Romaria da Juventude será anunciada dia 14 de Abril A organização de uma das maiores e mais animadas romarias oficiais do Círio já começou. Com a participação do presidente da Diretoria da Festa de Nazaré e Reitor do Santuário,padre Luiz Carlos Maria Nunes Gonçalves, e o diretor de procissões da DFN, Antônio Souza, além dos representantes da juventude que integram a Paróquia de Nazaré e

de outras paróquias da Arquidiocese de Belém, aconteceu no último fim de semana a primeira reunião em preparação para a Romaria da Juventude. Todo ano, a Diretoria da Festa de Nazaré escolhe uma paróquia anfitriã para ser o ponto de partida da procissão que segue rumo à Basílica Santuário. Este ano, o anúncio da paróquia anfitriã da

foi criado em 2003 e, em 2009, empresas de pequeno porte e pessoas físicas também tiveram a oportunidade de apoiar a festa do povo paraense. Após a apresentação, os projetos de Patrocínio e Apoio Oficial do Círio 2019 poderão ser consultados no site www.ciriodenazaré. com.br, solicitados através do e-mail secretaria@ciriodenazare.com. br ou pelo telefone 914009-8417. A Festa de Nazaré é uma realização da Arquidiocese de Belém, Basílica Santuário de Nazaré, Diretoria da Festa de Nazaré, Governo do Estado do Pará e Prefeitura de Belém. DIVULGAÇÃO

w REUNIÃO definiu primeiros passos da Romaria da Juventude 2019

Romaria da Juventude 2019 será no dia 14 de Abril, as 18h. FABRÍCIO COLENY

w PROGRAMAÇÃO da Romaria da Juventude realizada no ano passado


10

Opinião

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

Servindo à Verdade

O

lá, meu irmão e minha irmã. É com satisfação que dou continuidade ao ciclo de reflexões sobre nossa meta maior, a santidade. Concluí nosso último encontro abordando a inevitável dificuldade do enfrentamento com os defeitos e limitações do próximo. Apenas para recordar, três são as “dificuldades”: nossos defeitos, a ação do Maligno e os defeitos do próximo. O homem é um ser social, isto é, relacional. É na relação – onde estabelecemos os mais diversos meios sociais – que nos defrontamos com as limitações e os defeitos alheios. Podemos notar isso ao lançarmos um breve olhar sobre o grupo de homens escolhidos por Jesus para seus apóstolos. Inicio mencionando aquele que foi escolhido pelo Senhor para ser o primeiro líder de Sua Igreja: Pedro. O sujeito era cheio de defeitos e limitações advindas de sua índole. Ele apresentava grande instabilidade emocional. Chegava a ser inconveniente. Em sua obra Amor e Responsabilidade, Padre Mohana comenta: “Na Ceia Jesus põe-se a lavar os pés de cada Apóstolo (Jo 13, 1-9). Quando chega a vez de Pedro, este faz um estardalhaço: ‘Senhor, tu me lavas os pés?’ E Jesus: ‘O que estou fazen-

do não entendes agora; depois entenderás’. Mas Pedro se mostra irredutível: ‘Jamais me lavarás os pés’. Jesus, calmo: ‘Se eu não lavar teus pés, não terás parte comigo’. Pedro, então dá uma guinada de cento e oitenta graus: “Senhor, então não só laves os pés. Mas também as mãos e a cabeça” (p. 67). Percebeu? Num primeiro momento ele declara um redondo “jamais me lavarás”. No momento seguinte pede para ser todo lavado. Nosso Senhor institui a Eucaristia, todos comungam incluindo Pedro. Depois de terem cantado os salmos, dirigem-se para o Monte das Oliveiras. Chegando ao Monte, “disselhes Jesus: Esta noite, todos vós vos escandalizareis por minha causa, pois está escrito: ‘Ferirei o pastor e dispersar-se-ão as ovelhas do rebanho’. Mas depois de ressuscitar, irei diante de vós para a Galileia. Respondeu-lhe Pedro: ‘Ainda que todos se escandalizem por tua causa, eu nunca me escandalizarei” (Mt 26,3133). E assim vemos Pedro se autopromovendo acima dos outros. É como se ele dissesse: “Senhor, eu não tenho essas fraquezas. Minha confiança e fé em ti são inabaláveis. Tenho mais fé que esses aí, conte comigo”. Quanta bravata do pescador! Como dizem po-

2º Caderno Prof. Ricardino Lassadier

A meta (parte 6) FOTOS: DIVULGAÇAO

w ANTES que o galo cante, me negarás três vezes

pularmente: “mordeu a língua”. Imagino Jesus pousando o olhar em Pedro e falando: “Em verdade te digo que nesta mesma noite, antes de o galo cantar, me negarás três vezes” (Mt 26, 34). Obviamente Pedro não deu crédito ao que Jesus disse. Grande é a valentia quando o verdadeiro perigo não se faz presente: “Disse-lhe Pedro: ainda que eu tenha que morrer contigo, jamais te negarei” (Mt 26,35). O pescador mostrou-se intrépido, corajoso, fiel quando o perigo ainda não havia chegado. Sabemos o desfecho

quando da prisão de Nosso Senhor: todos fugiram, escândalo geral. Pedro reage e atinge com uma espada a orelha de um sujeito chamado Malcom. Sou da opinião que sua reação foi mais impulsiva do que corajosa. Mais por terror do que por bravura. Jesus é levado à casa de Caifás, onde estavam reunidos os escribas e os sacerdotes. Armaram um julgamento repleto de incoerências para condenar Jesus. Agridem-no! Pedro tudo acompanha de longe, sentado no pátio quando “aproximouse dele uma criada e dis-

se-lhe: ‘Tu também estavas com Jesus, o galileu’. Mas ele negou diante de todos, dizendo: ‘não sei o que queres dizer’. Dirigindo-se depois para a entrada, viu-o outra e disse para os que ali estavam ‘este andava com Jesus o nazareno’. Tornou ele a negar com um juramento: ‘Não conheço esse homem’. Pouco depois aproximaram-se alguns que ali estavam e disseram a Pedro: ‘verdadeiramente tu és um deles, pois teu modo de falar te denuncia’. Então, começou a praguejar e jurar: ‘não conheço esse homem’. E imediatamente cantou o galo. Lembrou-se então Pedro das palavras que Jesus lhe dissera: ‘antes que o galo cante, vais me negar três vezes’, e saindo, chorou amargamente” (Mt 26,69-75). Coitado de Pedro. Caiu em si. Quanta tristeza deve ter sentido ao perceber como foi impulsivamente bravateiro. Moralmente abatido chorou pela falta de coragem. Chorou pela falta de coerência. Chorou por não ter conseguido vencer seus defeitos.

Graduado (Bacharel e Licenciado) e Especialista em Filosofia pela UFPA e Especialista em Teologia pelo CESUPA.

PRÓXIMO ARTIGO: Maria Elisa Bessa de Castro

Palavra de vida “Se eu, o Senhor e Mestre, vos lavei os pés, também vós deveis lavar os pés uns aos outros.” (Jo 13,14)

Ao relembrar as últimas horas passadas com Jesus antes de Sua morte, o evangelista João coloca no centro o episódio do lava-pés. No Oriente antigo, o lava-pés era um sinal de boas-vindas ao hóspede, que tinha chegado por estradas poeirentas. Normalmente esse serviço era feito por um empregado. Justamente por esse motivo, os discípulos inicialmente não admitem que seu Mestre tome essa atitude. Mas no final Jesus explica:

“Se eu, o Senhor e Mestre, vos lavei os pés, também vós deveis lavar os pés uns aos outros”.

Com essa imagem tão significativa, João nos revela a dimensão completa da missão de Jesus: Ele, o Mestre e Senhor, entrou na história humana para se encontrar com cada homem e cada mulher, para nos servir

Chiara Lubich

e nos reconduzir ao encontro com o Pai. Dia após dia, durante toda a sua vida terrena, Jesus se despojou de todos os sinais de sua grandeza e agora se prepara para dar a vida sobre a cruz. E justamente nesse momento deixa aos seus discípulos, como seu legado, a mensagem que mais lhe importa: “Se eu, o Senhor e Mestre, vos lavei os pés, também vós deveis lavar os pés uns aos outros.”

É um convite claro e simples; todos nós podemos compreendê-lo e colocá-lo em prática na hora, em qualquer situação, em qualquer contexto social e cultural. Os cristãos, que recebem a revelação do Amor de Deus por meio da vida e das palavras de Jesus, têm uma “dívida” para com os outros: imitar Jesus, acolhendo e servindo os irmãos, para se tornarem, por sua vez, anunciadores do Amor. Tal como Jesus: começar amando concretamente;

Chorou ao se defrontar com suas imperfeições. De modo algum acho que Pedro não amava o Senhor. É inegável que foi impetuoso. Enquanto os demais correram, ele –ainda que à distância – seguiu Jesus. Ou seja, Pedro tinha fé no mestre. Entretanto, ainda carecia de aprofundamento, de purificação. Certamente, ele desejava ter sido melhor... mas não foi. Olho para Pedro e penso em mim, ao defrontarme com minhas misérias e mesquinharias. Eu, você, queremos ser melhores, menos pecadores, mais santos, amar mais e melhor. Mas a concupiscência se faz presente. O Maligno nos passa a rasteira. Podemos disso tudo tirar uma bela lição que nos ajudará a atingir nossa meta: não basta desejarmos coisas boas e fazermos bons propósitos, se não nos sustentarmos na Misericórdia, na Providencia de Deus. Sigamos em frente, pensando com a Igreja no serviço da Verdade. Fique com Nossa Senhora e São José.

w TAMBÉM VÓS deveis lavar os pés uns aos outros

e depois, acompanhar o gesto com palavras de esperança e de amizade. E o nosso testemunho é tanto mais eficaz quanto mais dirigirmos a atenção aos pobres, com espírito de gratuidade, e rejeitando, por outro lado, atitudes de servilismo diante de quem tem poder e prestígio. Mesmo diante de situações complexas, trágicas, que escapam de nossas mãos, existe algo que po-

demos e devemos fazer para contribuir ao “bem”: sujar as nossas mãos, sem esperar recompensas, com generosidade e responsabilidade. Além disso, Jesus nos pede que testemunhemos o Amor não só pessoalmente, nos nossos ambientes de vida, mas também enquanto comunidade, como povo de Deus, que tem por lei fundamental o amor mútuo.

“Se eu, o Senhor e Mestre, vos lavei os pés, também vós deveis lavar os pés uns aos outros.”

Depois dessas palavras, Jesus continua: “Pois eu vos dei o exemplo, para que assim como eu vos fiz, o façais vós também (...). Sabendo estas coisas, sereis felizes se as praticardes” 1. Comentando essa frase do Evangelho, Chiara Lubich escreveu:

(...) “Sereis felizes...”. O recíproco serviço, o amor mútuo que Jesus ensina com este seu gesto desconcertante é, portanto, uma das bem-aventuranças proclamadas por ele.(...) Como poderemos viver, então,durante este mês, esta Palavra de Vida? A imitação que Jesus nos pede não consiste em repetir maquinalmente o seu gesto, embora devamos conservá-lo sempre diante de nós como um luminoso e inigualável exemplo. Imitar Jesus significa compreender que nós cristãos temos sentido se vivermos “para” os outros, se concebermos a nossa existência como um serviço aos irmãos, se basearmos a nossa vida sobre estes fundamentos. Então teremos realizado aquilo que Jesus mais valoriza. Teremos atingido o âmago do Evangelho. Seremos realmente felizes” 2. LETIZIA MAGRI

1) Cf. Jo 13,15-17 2) Chiara Lubich, Viver para os outros, revista “Cidade Nova”, abril de 1982.


2º Caderno

S

ábado, dia 23 de março de 2019, foi celebrada a primeira Missa na Comunidade Nossa Senhora Mãe da Divina Providência, no bairro da Terra Firme, em Belém. A celebração foi presidida pelo padre providentino Jonas Teixeira, pároco da Paróquia São Domingos de Gusmão, a quem está vinculada a comunidade. Padre Jonas destacou em sua homilia que a comunidade nasce na área missionária da Paróquia São Domingos de Gusmão, “confiada à Divina Providência que cada cristão deve ter e assim sempre confiar no agir de Deus”, disse, almejando o êxito missionário. Junto com os fiéis ao final da Missa, padre Jonas rezou a oração a Nossa Senhora Mãe da Divina Providência e a oração de Beatificação do Monsenhor Edmundo Igreja, fundador do Movimento Providentino, que virá a ser o primeiro santo paraense. A missa contou com cerca de 100 participantes que lotaram a casa que acolheu a celebração eucarística. A Comunidade Nossa Senhora Mãe da Divina Providência está sendo coordenada por Davi Carvalho, estagiário do Movimento Providentino. A COMUNIDADE -

No início deste ano foi iniciado o trabalho de

Arquidiocese 11

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

Primeira Missa na Comunidade Mãe da Divina Providência Celebração na Terra Firme foi presidida pelo padre Jonas Teixeira FOTOS: DIVULGAÇÃO

w CELEBRAÇÃO foi presidida pelo padre providentino Jonas Teixeira

planejamento de uma nova comunidade na Paróquia São Domingos de Gusmão, visto a necessidade da evangelização na área e da maior proximidade da Igreja com seu povo. Desde a criação da Paróquia de Santa Maria de Belém, que foi desmembrada da Paróquia de São Domingos de Gusmão, a Matriz ficou sem uma comunidade dedicada a Maria, Mãe de Deus.

Motivados pelo jubileu de 50 anos do Movimento Providentino e para marcar a presença missionária dos Providentinos, a Arquidiocese de Belém decidu colocar a nova comunidade sob o patrocínio de Maria, com o título de Nossa Senhora Mãe da Divina Providência. A construção do “Edifício Espiritual” de uma comunidade requer o trabalho missionário e a oração, por isso, uma

das grandes equipes de trabalho que estarão atuando para a edificação da comunidade é a equipe de evangelização, na qual sua pastoral, grupo ou movimento está inserida. A equipe responderá pelo planejamento, organização e animação de todo o trabalho evangelizador/missionário e pelas celebrações eucarísticas mensais no território da área missionária.

A equipe deve reunirse em datas pré-definidas, para montar um plano pastoral/missionário e o calendário das atividades evangelizadoras em 2019. Algumas ações iniciais estão definidas como as formações no quarto sábado de cada mês, a partir de março de 2019, pautadas em temas, como: Bíblia, missionariedade, magistério do Papa Francisco, etc. MISSÃO - A comunidade inicia o trabalho de evangelização sob a responsabilidade de uma equipe composta por missionários, Setor Juventude, Catequese, Legião de Maria, grupos de oração, Apostolado da Oração e Pastoral Familiar. O Movimento Providentino, à frente da comunidade, toma por encorajamento o encorajamento do próprio Jesus. "A Igreja Católica, por escolha de Jesus, nasceu missionária e desenvolveu-se no vigor da missão. Os apóstolos compreenderam essa escolha de Jesus e saíram para anunciar".

O Papa Francisco insiste que é necessário reacender o fogo missionário, que todos os agentes de pastoral tenham uma atitude constante de “saída”. Assim, pessoas até o momento distantes da comunidade podem ter a oportunidade de compartilhar da amizade com Jesus", explica padre Jonas. A partir deste até 2021 "nossa vida de igreja, enquanto Paróquia de São Domingos de Gusmão, estará envolta em momentos de festa e júbilo pelas comemorações dos 300 anos de criação da Diocese de Belém, pelos 50 anos de ereção canônica do Instituto Nossa Senhora Mãe da Divina Providência, já que é o Movimento Providentino que administra nossa paróquia. E no ano de 2021, festejaremos o cinquentenário de criação da Paróquia de São Domingos de Gusmão, conclui padre Jonas. "Por tudo isso, precisamos preparar a casa para as festas que se aproximam".

Comunidade "Mar a dentro" realiza Cerco de Jericó A Comunidade Católica Mar A Dentro realiza o Cerco de Jericó até o dia 31 de março, na sua sede, localizada na avenida Alcindo Cacela, no bairro do Umarizal, em Belém. O Cerco de Jericó consiste em sete dias e sete noites de intensa oração diante do Santíssimo Sacramento exposto. A programação iniciou no dia 24 com Santa Missa, presidida pelo Cônego Vladian Alves, diretor geral da Faculdade Católica de Belém. E entre os dias 24 e 31, o Santíssimo Sacramento estará exposto e a comunidade estará aberta ao público para vivenciar

w ADORAÇÃO é o ápice da programação no Cerco de Jericó

este momento. Os interessados em realizarem vigílias, no período do

Cerco, devem entrar em contato antecipadamente pelo telefone: (91)3228-

4452. No dia 30, às 7h, a Adoração ao Santíssi-

mo encerrará na sede em Belém, na Av. Alcindo Cacela, e iniciará na outra casa de missão da Comunidade, situada no distrito de Outeiro. O encerramento ocorrerá com Santa Missa na Paróquia Nossa Senhora da Imaculada Conceição, também em Outeiro. A Comunidade Católica Mar A Dentro promove o Cerco de Jericó por ocasião da Quaresma, período de oração e penitência vivido pela Igreja durante 40 dias. Para Eliane Lourenço, superiora da casa de missão Belém da Comunidade, o momento é propício para a realização do Cerco.

“Eu penso que esse é um tempo em que o Senhor nos convida para estar com ele. Preparar o nosso coração para a experiência da Ressurreição. É um tempo de escuta de Deus, de silêncio, de meditação de tudo o que Jesus passou”, destaca a superiora. Para ela, o Cerco de Jericó também é uma oportunidade de intercessão e oração. Eliane conta que há uma caixa, onde os pedidos são armazenados e todos rezam por essas intenções. “Interceder pelos que estão em sofrimento. Unir as nossas dores com o sofrimento de Jesus”, conclui.


12

BELÉM, DE 29 DE MARÇO A 4 DE ABRIL DE 2019

Especial Juventude

Jovens protagonistas de um mundo melhor

O

destaque desta edição é a divulgação da dramatização da Paixão de Cristo, um dos eventos centrais da crença cristã. A programação está prevista em diversas paróquias da Arquidiocese.

Comunidades preparam encenações da Paixão de Cristo em abril Diversos grupos, em sua maioria de jovens, promovem a dramatização em diversas paróquias

D

urante a Semana Santa, este ano marcada para acontecer de domingo, 14, a sábado, 20, diversos grupos, em sua maioria de jovens, promovem a dramatização da Paixão de Cristo, um dos eventos centrais da crença cristã. Em abril, diversas apresentações estão previstas em Belém, Marituba e em Benfica. A Via Sacra é a reconstituição religiosa feita para lembrar o sofrimento de Jesus Cristo durante sua missão redentora. Com a dramaticidade do teatro, os fiéis podem percorrer mentalmente o mesmo caminho de seu profeta desde o Pretório de Pilatos até o monte Calvário. Esses quadros – ou estações, como são chamados – contam a trajetória de Jesus desde o momento de Sua condenação até Seu sepulcro. Aparecem em sequência: a condenação, Jesus carregando a cruz, o encontro com Maria, a ajuda que recebeu de Simão Cirineu, as três vezes em que caiu, o consolo às mulheres de Israel, a ocasião em que Verônica enxugou seu rosto, o momento em que foi despido, sua crucificação, morte, a descida da cruz e, por fim, seu sepultamento.

PARÓQUIA DO BOM PASTOR Em Marituba, o núcleo jovem da Paróquia do Bom Pastor promove a Via Sacra da Juventude no sábado, 6, a partir das 16h30, na Matriz. O objetivo é percorrer algumas das ruas do bairro realizando a estações da Via Crúcis. Com início

na sede paroquial, a programação percorrerá o trajeto pela Rua Perpétuo Socorro, Travessa São Pedro, Rua Parque das Palmeiras, Passagem Santa Teresa, Passagem Brito, Rua da Capri, até a Comunidade de Nossa Senhora de Fátima.

ASSOCIAÇÃO CATÓLICA ADOREMOS O SENHOR No dia 14 de abril, às 17h, no Teatro Margarida Schivasappa, a Associação Católica Adoremos o Senhor (ACAS) realiza a encenação da Via Sacra. O espetáculo foi inspirado nos escritos de Santa Teresinha do menino Jesus, do Diário de Santa Faustina e da meditação da via sacra eucarística de São Pedro Julião Eymard. Com 69 participantes, entre elenco, produção, intercessão e

BENFICA Em Benfica, membros do conselho juvenil da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, promovem no dia 19, Sexta-Feira Santa, às 19h, pelo segundo ano a dramatização da Paixão de Cristo. O espetáculo que reúne mais de 35 pessoas será realizado em frente à Igreja Matriz, na Avenida José Rodrigues dos Santos. Com ensaios a todo vapor, o grupo de jovens dedicam-se em cada ato, sabendo que será ferramenta de evangelização, explica Carolina Almeida, coordenadora

do núcleo jovem: “Vemos também a evolução do trabalho a juventude na paróquia que está dando frutos como a maior participação dos jovens na igreja”. Segundo ela, a expectativa para um grande espetáculo é grande: “eles estão buscando melhorar o seu papel na peça tanto individualmente como em grupo. Estão trabalhando tanto na estrutura quanto na oração para que os pontos negativos do ano passado possam ser corrigidos este ano.”

coordenação, os ensaios além de preparação artística, é também espiritual, com oração e espiritualidade no início de março e outra, com proximidade da encenação. Para Diego Carvalho, coordenador do grupo de artes da ACAS, promover a encenação é reviver todo o sacrifício de amor que Cristo passou pela humanidade. “É de fato compreender a mensagem de amor que a Pai-

xão de Cristo quer nos ensinar a cada ano, que por trás de tanta dor e sofrimento é abstrair a mensagem de que só uma pessoa que nos ama muito é capaz de doar sua vida sem pedir nada em troca.” Os ingressos estão disponíveis e podem ser adquiridos com pagamento de taxa, mais 1kg de alimento não perecível. Informações: 981425600/ 981247344 e 982535357.

JESUS RESSUSCITADO O grupo “Jovens Ressuscitados” da Paróquia de Jesus Ressuscitado, na Marambaia, irá apresentar no dia 19 de abril, a Paixão de Cristo, a partir das 19h, no estacionamento paroquial. De acordo com Renata Ávila, coordenadora, até o ano passado, o grupo realizava apenas a exibição do filme da Paixão de Cristo, este ano optando pela dramatização. A produção que conta com 30 jovens será dividida em oito cenas na qual será apresentada em dois cenários, no palco e próximo da plateia: “será feito no estacionamento

paroquial por conta do espaço ser maior. Apresentaremos as estações até o momento em Jesus é retirado da cruz.” Como é a primeira vez, a preparação foi antecipada para não haver atropelos. Em fevereiro tiveram início os ensaios. Antes disso, final de janeiro, o grupo realizou audições para escolher o personagem que cada jovem iria fazer. “Agora estamos ensaiando três vezes na semana, mas iremos intensificar os ensaios na primeira semana de abril para deixar tudo acertado”, destaca Renata.

Profile for Fundação Nazaré de Comunicação

Voz de Nazaré  

Edição de 29 de março a 4 de abril de 2019.

Voz de Nazaré  

Edição de 29 de março a 4 de abril de 2019.

Advertisement