Voz de Nazaré

Page 1

ARQUIDIOCESE

DE BELÉM

PE. FLORENCE DUBOIS FUNDADOR

www.fundacaonazare.com.br BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

O JORNAL CATÓLICO DA FAMÍLIA

ANO CV - Nº 865 - PREÇO AVULSO: R$1,00

Ano jubilar da Diocese de Belém Missa solene marcou a abertura do Ano Jubilar pelos 300 anos de criação da Diocese de Belém do Pará no dia 22. Dom Giovanni D´Aniello, Núncio Apostólico no Brasil, presidiu Missa na Arquidiocese de Belém. NESTA EDIÇÃO. LUIZ ESTUMANO

w MISSA SOLENE no ginásio Mangueirinho reuniu o povo de Deus para celebrar a abertura do Ano Jubilar pelo tricentenário de criação da Diocese

Retiros com Cristo animam as comunidades

LUIZ ESTUMANO

Fim de semana prolon- dos fiéis com Jesus em re- iniciando sexta-feira, 1. gado propicia o encontro tiros espirituais diocesanos Participe! CAD. 2, PÁG. 3. DIVULGAÇÃO

w BISPOS reunidos no Regional Norte 2 da CNBB: prévia sinodal e Amazônia em pauta

Bispos Quaresma Missa pela juntos pela Família Nazaré inicia na Amazônia na sexta-feira Arquidiocese Reunião do Regional Dia 1 de março, na caProgramação nas comuNorte 2 da CNBB destaca pela da Fundação Nazaré nidades favorece reflexão o Sínodo pela Amazônia. de Comunicação. para o período quaresmal. CADERNO 2, PÁGINA 5.

CADERNO 1, PÁGINA 11.

CADERNO 1, PÁGINA 12.

w ALEGRIA e oração: retiros espirituais com Cristo


2

Opinião

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

IGREJA E VIDA CRISTÃ EM IMAGENS

1º Caderno

PRIVILÉGIO DE SER CATÓLICO João Carlos Pereira Jornalista e professor jcparis1959@gmail.com

O carnaval e as escolhas de cada um

A w MOMENTO DE FÉ A devoção presente de geração para geração. Detalhes da abertura do Ano Jubilar. - REGISTRO : LUIZ ESTUMANO (JORNAL VOZ DE NAZARÉ)

PANORAMA José Pereira Ramos Economista e escritor

joseulina1@gmail.com

Fundação da Diocese de Belém, por Dom Alberto Gaudêncio Ramos - II

C

ontinuando o que Dom Alberto Ramos escreveu em 1983: “O primeiro bispo não encontrava nem catedral, nem seminário, nem residência. Foi abrigar-se no convento de seus irmãos de hábito e tomou posse na pequena Igreja de São João, então coberta de palha, e que motivou a célebre expressão que lhe é atribuída, como sinal de humildade: “Catedral de palha, bispo de papelão”. O renome dos Mosteiros (acima mencionados) chegou até o ponto de obter da Santa

Sé a faculdade de conceder graus de doutor em Teologia. O mesmo gesto de Clemente XI, engrinaldando a pequena cidade do estuário amazônico com as prerrogativas de sede episcopal, designou também o primeiro bispo o douto frade carmelita Frei Bartolomeu do Pilar, que já era apreciado pregador em Pernambuco. Porém, somente 5 anos depois, é que viria realmente de Lisboa para o Pará, acompanhado de um certo número de sacerdotes para construir o Cabido Diocesano.

ENCONTRO FRATERNO Ivens Coimbra Brandão Engenheiro civil e escritor

ivenscb@oi.com.br; ivenscb@gmail.com

Sinceridade

A

o consultar o dicionário ‘Aurélio’ encontrei os seguintes sinônimos para a palavra que encima o presente texto: qualidade de sincero; franqueza; lealdade; lhaneza; lisura e boa-fé. Mais adiante consta a palavra ‘sincero’, ora escolhendo-se para partilhar o sinônimo constante no verbete 6: ‘sem afetação ou disfarce’. Assim, chegamos ao assunto pretendido, ao sermos motivados pelo Padre Juarez de Castro, no livro intitulado ‘As chaves da perseverança’– Texto Editores Ltda. S.P. - 2011, quando invoca um significado, melhor dizendo, o que

pode ser considerado como a origem da palavra sincera, ou seja: “sem cera: sin+cera. Isto porque, antes, as máscaras usadas no teatro eram feitas de cera. Quem faz uso de máscara está se escondendo e fingindo ser algo que não é. Quem usa máscara não é sincero, não é autêntico” (p. 156). O tema pareceu-me oportuno porque estamos em tempo de carnaval, período em que as máscaras são mais usadas, dando oportunidade para seu usuário praticar atos que não teria coragem de fazê-los se mantivesse à mostra sua identidade. No entanto, não é só no

Fundado em 5 de julho de 1913 FUNDADOR Pe. Florence Dubois, barnabita

ARQUIDIOCESE DE BELÉM-PARÁ

PRESIDENTE Dom Alberto Taveira Corrêa Arcebispo Metropolitano de Belém do Pará VICE-PRESIDENTE Monsenhor Marcelino Ferreira Vigário-geral da Arquidiocese de Belém do Pará

Os prelados que o sucederam chegaram com bastante intermitência à nossa região. Por vezes, a vacância se prolongava por muitos anos. Tudo era muito difícil, pois os candidatos ao episcopado eram indicados pela Corte de Lisboa, em lista tríplice ao Vaticano. Evidentemente os critérios dos áulicos lusitanos nem sempre se coadunavam com os legítimos interesses da Igreja e também não era fácil obter que doutos e virtuosos sacerdotes aceitassem o pastoreio das almas, do outro lado do oceano, numa região tão inóspita e atrasada. A expulsão dos missionários pelas iníquas artimanhas do Marquês de Pombal, quebrou o ritmo expansionista da Amazônia. Os aldeamentos ficaram à mercê dos espertalhões e dos exploradores interessados apenas em alcoolizar os indigentes e perverter-lhes as mulheres.” Continuaremos. período do carnaval que as máscaras são usadas. Nos dias de hoje, com a prática da maquiagem, pessoas há que, no afã de apresentar uma aparência mais atraente, acabam aplicando uma maquiagem ‘pesada’ transformando o próprio rosto, chegando a causar espanto aos mais observadores. Outra forma de ‘maquiagem’ora em moda é a tatuagem, por vezes transformando o corpo em um mostruário de ídolos e paixões, quando a pessoa abdica da originalidade da pele que nasceu. Pelo menos na aparência, o maior órgão do corpo humano é agredido, dando lugar ao que é imaginário e efêmero. Todavia, mais importante do que aquilo que aparentamos são os nossos propósitos que, impulsionados pela sinceridade, buscam aperfeiçoar o que é humano.

DIRETOR GERAL Padre Roberto Emílio Cavalli Junior DIRETOR ADMINISTRATIVO E FINANCEIRO Marcos Aurélio de Oliveira DIRETOR DE COMUNICAÇÃO Mário Jorge Alves da Silva DIRETOR DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS Arnaldo Pinheiro

cho que sou uma das raras criaturas deste mundo a quem carnaval dá sono. Pelo menos o carnaval que passa na televisão. Não aguento ver quinze minutos do desfile de uma escola, que viro para o lado e durmo. Desde que deixei de ser escalado para cobrir carnaval, nunca mais fui para a avenida e nem está nos meus planos aparecer em qualquer sambódromo deste Brasil-folião. Não é por nada, não. É por tudo mesmo. Há três semanas, o país vive o chamado pré-carnaval e, nos próximos dias, mergulha de cabeça na farra. Os mais contidos chegam inteiros à quarta-feira de cinzas. Muitos morrem pelo caminho, vitimados pela mortal combinação direção + álcool. As doenças e as gravidezes correm soltas, porque há quem ache que o mundo vai se acabar, se não se esbaldar até o final de suas forças. É uma pena. A Igreja não é contra o carnaval. Tanto não é que diversos grupos católicos fazem dessa época um tempo de alegria, com diversão sau-

dável, misturando diversão – o que absolutamente não é uma coisa ruim – com evangelização. Isso é possível? Basta perguntar aos que pulam carnaval e aproveitam a alegria para rezar, louvar a Deus e praticar a solidariedade. Na semana passada, o evangelho nos ensinava a não julgar para não sermos julgados, porque com a mesma medida que medirmos, seremos medidos. É por essa razão que, ao comparar o carnaval movido a álcool e o que é impulsionado pela alegria do Cristo, não estabeleço critérios de valores, nem julgo atitude de ninguém. Deus nos deu a liberdade para fazermos destes quatro dias (e da vida toda) o que bem desejarmos. Uns pulam, bebem e dançam freneticamente. Outros pulam, dançam e rezam. Outros viajam para longe do furdunço. E outros aproveitam para ficar em casa, ler, ver filme, curtir a família e os amigos, longe do ziriguidum. A vida é feita de escolhas e cada um sabe do que precisa para ser feliz.

ASSIM NA TERRA COMO NO CÉU ... Pe. Helio Fronczak

heliofronczak@gmail.com

Kénosis: Esvaziar-se

N

a semana passada apareceu a palavra grega pericorese para expressar a comunhão e reciprocidade das três pessoas divinas. Hoje comento sobre outra palavra grega que se usa para exprimir um conceito indispensável e fundamental sem o qual não é possível colher o que significa uma dinâmica trinitária em nossa vida e nas estruturas sociais. É a palavra kénosis. Esta palavra deriva de um verbo que exprime o gesto de esvaziar: por exemplo, um balde cheio de água. A sua importância teológica é devida ao fato que o Novo Testamento usou este conceito aplicando-o a Jesus Cristo. A segunda pessoa da Trindade, o Filho/Verbo, em Jesus de Nazaré “se esvaziou” da própria divindade (sem com isto perdê-la) para fazer-se um conosco, um de nós. “Jesus Cristo que, sendo rico, se fez pobre por amor de vocês, para que por meio de sua pobreza vocês se tornas-

COORDENAÇÃO Bernadete Costa (DRT 1326) CONSELHO DE PROGRAMAÇÃO E EDITORAÇÃO Padre Agostinho Filho de Souza Cruz Cônego Cláudio de Souza Barradas Edwaldo Lobo Monteiro EDITORAÇÃO ELETRÔNICA Sérgio Santos (DRT/PA 579) Assinaturas, distribuição, administração e redação Av. Gov. José Malcher, Ed. Paulo VI, 915 CEP: 66055-260

sem ricos” (2 Cor 8, 9). Para compreender bem o que significa esta kénosis de Jesus Cristo basta ler Filipenses 2, 5-7. Kénosis significa “esvaziarse” de si, renunciar - por amor - a si mesmo para dar-se totalmente, para “fazer-se um” com os outros, para “viver o outro”, para permitir ao outro de realizar-se, e deste modo, ao mesmo tempo, tornar-se mais plenamente eu mesmo. Uma realidade assim parece paradoxal ou incompreensível - como acontece com outras afirmações do Evangelho - somente para quem ainda não fez a experiência. Somente se me faço “vazio” de tudo, por amor, tenho a possibilidade de acolher plenamente e compreender a fundo o mundo do outro. Quando esta atitude de esvaziar-se é recíproca entre duas ou mais pessoas ou realidades sociais, então existem as condições para um relacionamento pericorético, trinitário.

- Nazaré, Belém - PA Tel.: (91) 4006-9200/ 4006-9209. Fax: (91) 4006-9227 Redação: (91) 4006-9200/ 4006-9238/ 4006-9239/ 4006-9244/ 4006-9245 Site: www.fundacaonazare.com.br E-mail: voz@fundacaonazare.com.br Um veículo da Fundação Nazaré de Comunicação CNPJ nº 83.369.470/0001-54 Impresso no parque gráfico de O Liberal

FUNDAÇÃO NAZARÉ DE COMUNICAÇÃO


1º Caderno

Arcebispo

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Conversa com meu povo

V

ivemos na Arquidiocese de Belém um período muito significativo, tendo iniciado no dia 22 de fevereiro as comemorações do Ano Jubilar de 300 anos de criação da Diocese de Belém do Grão Pará. Vivemos profunda gratidão a Deus pela nossa história! Memória! Criada a Diocese no dia 4 de março de 1719, este ato já era fruto da vida cristã que aqui aportou quando a cidade nasceu à sombra do Forte do Presépio. Nascemos batizados e recebemos a missão de fazer frutificar a graça recebida. A Igreja se organizou, sendo constituída a Catedral na já existente Igreja de Nossa Senhora da Graça. Recebemos a missão de anunciar o Evangelho, reunir o Povo de Deus para a Eucaristia, nos outros Sacramentos e na vida de oração, e coube-nos implantar a vida na caridade, nas comunidades e no serviço aos mais pobres. Durante estes trezentos anos, devemos bater no peito e reconhecer falhas e omissões, mas reconhecemos terem sido maiores os acertos, pelos quais agradecemos a Deus e os assumimos como responsabilidade para o futuro. Identidade! Somos Igreja Católica Apostólica Romana, em plena comunhão com o sucessor de Pedro, ao qual declaramos nossa adesão filial e unidade. Somos Amazônia, com a responsabilidade de ter sido o ponto de referência, até o final do século XIX para todo o esforço missionário, com a implantação das estruturas eclesiais e a presença social da Igreja em nossa região. Somos hoje uma metrópole na Amazônia, com cinco municípios e noventa Paróquias, sacerdotes, comunidades religiosas femininas e masculinas, comunidades de vida e aliança, pastorais, movimentos eclesiais, obras sociais,

3

Dom Alberto Taveira Corrêa Arcebispo Metropolitano de Belém do Pará

Uma Igreja missionária LUIZ ESTUMANO

w NA PROGRAMAÇÃO de abertura no Mangueirinho paróquias diocesanas recebem a benção

Durante estes trezentos anos, devemos bater no peito e reconhecer falhas e omissões escolas católicas, faculdade! E tudo isso com a grande e crescente participação dos fiéis leigos e leigas! Missão! Diante de nossos olhos se abre o grande horizonte de uma grande Arquidiocese, quase chegando aos dois milhões e meio de habitantes. Nossos limites são os confins da terra, mesmo que estes estejam bem próximos de nós. Assumimos o compromisso da missão, tomando posse de nossa vocação missionária, como eixo principal de nossa vida de Igreja. Neste ano, realizaremos sete visitas pastorais missionárias, para dar continuidade ao impulso suscitado entre nós pelo Espírito Santo. E abrimos a preparação do primeiro Sínodo Arquidiocesano de Belém, convocado para o ano de 2020, em vista da concretização do Sínodo especial para a Amazônia, convocado pelo Papa para o mês de outubro de 2019.

A comemoração dos trezentos anos nos convida a renovar o nosso olhar sobre a pessoa de Jesus Cristo, o missionário por excelência, que recebeu do Pai a missão de salvar a Humanidade e a reconheceu dizendo: “O Espírito do Senhor está sobre mim, porque ele me consagrou com a unção, para anunciar a Boa Notícia aos pobres; enviou-me para proclamar a libertação aos presos e aos cegos a recuperação da vista; para libertar os oprimidos, e para proclamar um ano de graça do Senhor. ”Movido pelo Espírito Santo Jesus vai ao encontro dos mais pobres e oprimidos de seu tempo, e observa de perto os sofrimentos humanos. A todos, sem exceção, estende seu olhar, abre sua mão, acolhe com alegria e transforma vidas. Todavia, Jesus de Nazaré não trabalhou sozinho! Os evangelistas narram o espírito

de corresponsabilidade missionária de Jesus. São Mateus diz que “Jesus chamou seus discípulos e deu-lhes poder para expulsar os espíritos maus, e para curar qualquer tipo de doença e enfeão da fé cristã católica das novas gerações para que Jesus seja acolhido como o Senhor e Mestre, para que as pessoas, conhecendo a Verdade deem sentido a suas vidas e se comprometam a amar a Deus e o próximo! Assim viveu Jesus de Nazaré, o nosso Mestre e Senhor! Fora da prática da caridade não há salvação. Os que fizerem o bem nesta terra ressuscitarão para a vida eterna (cf. Jo 5,29). Mas como aprenderão a amar a Deus e ao próximo se não forem evangelizados? (Cf. Rm 10,15-17). Eis a nossa responsabilidade. “Ai de mim se eu não anunciar o Evangelho” (1Cor 9,16). Sem a Evangelização não conhecerão o ca-

minho da salvação, perderão o sentido da vida. Precisamos encarar o desafio abraçado pelo profeta Isaías e dizer: “Eis-me aqui, Senhor, envia-me”. Estamos vivendo em tempos de urgência de evangelização. Por todos os lados da nossa sociedade ouvimos gritos das vítimas dos mais variados sofrimentos humanos. Percebemos a desagregação da família, crianças que crescem sem acompanhamento, sem amor, educação religiosa e moral, adolescentes e jovens que padecem do vazio de sentido para a vida e por isso, estão envolvidos na drogadição, na violência e muitos deles acabam no suicídio. E a urgência da Evangelização nos leva também a contemplar o mundo da corrupção, da violência, do atentado contra a vida, e das muitas formas de injustiça. Qual é o nosso compromisso? O que está acontecendo em nossas Comunidades e Paróquias, Pastorais, Grupos e Movimentos? Na sua Comunidade, na sua Paróquia? Temos um

sério Plano Pastoral de Evangelização que dá prioridade à promoção da missionariedade, da espiritualidade da comunhão, ao exercício da caridade, à formação e à comunicação. Nossa Arquidiocese tem muitos compromissos assumidos como resposta missionária. Estamos criando novas áreas missionárias espaços de mais intensa evangelização e acompanhamento pastoral. E novas Paróquias foram criadas! A Igreja Católica se faz presente em novos espaços: nos shoppings da região metropolitana, nas áreas de ocupação, nas feiras, nas escolas, nas universidades, nos presídios, nos condomínios. Estamos organizando os conselhos paroquiais e regionais do Setor Juventude, temos em andamento um Projeto Socioeducativo para a Evangelização da Juventude, foi implantado o Centro de Pastoral Juvenil Arquidiocesano e estamos promovendo os Oratórios como espaço de promoção do lazer educativo. Dentre os diversos sujeitos eclesiais que muito contribuem com a Evangelização e animação pastoral, estão os religiosos e as religiosas das diversas congregações e as Novas Comunidades de Vida Consagrada. Tudo isso é levado “acima dos telhados”, com nossos Meios de Comunicação da Fundação Nazaré de Comunicação e nossa Assessoria de Comunicação! A missão continua! Como disse a Pedro também Jesus hoje nos estimula dizendo: “avancem para águas mais profundas” (Lc 5,4).


4

Arquidiocese

AGENDA DE DOM ALBERTO TAVEIRA CORRÊA

1º Caderno

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

AGENDA DE DOM ANTÔNIO DE ASSIS RIBEIRO

AGENDA DE DOM IRINEU ROMAN

n De 1 a 7 de março de 2019

n De 1 a 7 de março de 2019

n De 1 a 7 de março de 2019

n SEXTA, 1 E SÁBADO,

n SEXTA, 1 DE MARÇO

n SEXTA, 1 DE MARÇO

2 DE MARÇO

Seminário preparatório para o Sínodo para Amazônia (Vaticano)

n DOMINGO, 3 DE MARÇO

11h - Missa no “Enchei-vos!” - Paróquia S. Raimundo Nonato - Telégrafo 16h - Missa no Cristo Alegria “Aviva!” - Centur

n SEGUNDA, 4 DE MARÇO

8h - Encontro “Laetare” (Sítio Madre Giovanna Marituba) 10h - Missa e conversa - Focolares (Centro Mariápolis Glória) 17h - Missa no Encontro da RCC (Paróquia Nossa Senhora do Bom Remédio)

n TERÇA, 5 DE MARÇO

9h - Missa no Encontro da RCC (Paróquia de São João Batista e Nossa Senhora das Graças) 17h30 - Missa no “RENASCER” (Shalom)

n QUARTA, 6 DE MARÇO

9h - Coletiva à Imprensa - Campanha da Fraternidade 19h - Missa das Cinzas (Catedral da Sé)

n QUINTA, 7 DE MARÇO

8h30 - Audiências 19h - Missa Comunidade Nossa Senhora de Fátima - Paróquia Mãe da Divina Providência

n SÁBADO, 2 DE MARÇO

11h - Retiro com Cristo - Área Missionária São Paulo Apóstolo 18h - Missa - Retiro com Cristo - Comunidade Católica Casa da Vitória (Seminário de Marabá)

n DOMINGO, 3 DE MARÇO

9h - Missa - Comunidade São Paulo Apóstolo (Paróquia Santa Edwiges) 17h - Missa - Retiro com Cristo da RCC - Região São Vicente de Paulo

n SEGUNDA, 4 DE MARÇO

8h30 - Audiências 16h - Missa no Retiro Aviva (Cristo Alegria - Centur) 18h - Missa no Retiro Renascer (Shalom)

n TERÇA, 5 DE MARÇO

15h - Missa no retiro com Cristo - Kerigma (Capuchinhos) 17h - Missa no retiro com Cristo da RCC (Região Menino Deus) - Paróquia Nossa Senhora das Graças

8h30 - Reunião do Conselho Episcopal 19h - Missa de Renovação dos Compromissos da Comunidade Nova Aliança (Catedral da Sé)

n QUARTA, 6 DE MARÇO

Os compromissos de Dom Alberto Taveira podem sofrer alterações sem aviso prévio.

8h30 - Reunião do Conselho Episcopal 14h - Programa “Entre nós” – Rádio Nazaré FM 19h - Missa dos Compromissos dos membros de Vida e Aliança da Comunidade IESHUA (Comunidade Dom Bosco – Conjunto Julia Seffer)

8h - Faculdade Católica 15h - Audiências

n SÁBADO, 2 DE MARÇO 9h - Reunião com lideranças - Área Missionária Murinin 17h - Missa - Abertura do retiro “Renovai-vos!” (UEPA)

n DOMINGO, 3 DE MARÇO 11h - Missa - Retiro Jovens Missionários (CAPJ)

n SERGUNDA, 4 DE MARÇO 17h – Missa no Retiro da RCC - “Enchei-vos!” Paróquia São Domingos de Gusmão - Terra Firme

n TERÇA, 5 A QUINTA, 7 DE MARÇO Viagem a Roma

9h - Missa Pastoral das Ilhas (Cinzas)

n QUINTA, 7 DE MARÇO

Os compromissos de Dom Antônio podem ser alterados sem aviso prévio.

Os compromissos de Dom Irineu Roman ser alterados sem aviso prévio.

Homilia Dominical A) Texto: Lc 6,39-45 39Jesus contou uma parábola aos discípulos: “Pode um cego guiar outro cego? Não cairão os dois num buraco? 40Um discípulo não é maior do que o mestre; todo discípulo bem formado será como o mestre. 41Por que vês tu o cisco no olho do teu irmão e não percebes a trave que há no teu próprio olho? 42 Como podes dizer a teu irmão: ‘irmão, deixa-me tirar o cisco do teu olho’, quando tu não vês a trave no teu próprio olho? Hipócrita! Tira primeiro a trave do teu olho, e então poderás enxergar bem para tirar o cisco do olho do teu irmão. 43Não existe árvore boa que dê frutos ruins nem árvore ruim que dê frutos bons. 44

Toda árvore é reconhecida pelos seus frutos. Não se colhem figos de espinheiros nem uvas de plantas espinhosas. 45O homem bom tira coisas boas do bom tesouro do seu coração. Mas o homem mau tira coisas más do seu mau tesouro, pois sua boca fala do que o coração está cheio.” B) COMENTÁRIO

Jesus indaga de seus discípulos sobre a prática e a capacidade na vida: Quem pode e quem não pode, em vista das consequências? Um cego guiando outro cego? Aonde chegarão? O coração é um tesouro, mas que temos em nosso coração? Sondemos, analisemos! O mestre comenta e conclui:

Padre Romeu Ferreira - Formado em Exegese pelo Pontifício Instituto Bíblico de Roma (romeufsilva@gmail.comg) “O homem bom tira coisas boas do bom tesouro do seu coração. Mas o homem mau tira coisas más do seu mau tesouro, pois sua boca fala do que o coração está cheio.” (v 45). O que está dentro sai e pode ser amor ou rancor, pelas palavras usadas no convívio humano. A pessoa que só fala impropérios; que semeia a discórdia; que só faz exame de consciência nos outros, e não em si; que emite constante azedume ao seu redor, que poderá ter em seu interior? Observa-se que na história bíblica de Israel, Deus programa recuperar seu povo em Jeremias: “Eu porei a minha lei no seu seio e a escreverei em seu coração. Então eu serei seu Deus e eles serão meu

povo” (Jr 31,33b). Mas o coração endurece e Deus retoma em Ezequiel: “Dar-vos-ei um coração novo, porei no vosso íntimo um espírito novo, tirarei do vosso peito o coração de pedra e vos darei um coração de carne.” (Ez 36, 26). Toda complicação ou solução começa e termina no coração. Infelizmente, ele, o coração humano pode abrigar tanto o bem quanto o mal! “Toda árvore é reconhecida pelos seus frutos” (v 44a). E ‘Todo humano é reconhecido pelo seu coração’! O que alguém alimenta em seu interior, isso sairá multiplicado e projetado para os outros no dia-a-dia de sua existência. Os escolásticos já afirmavam que: “Ninguém dá o que

Evangelho (Lc 6,39-45) w 04/03, SEGUNDA Cor (verde) Primeira Leitura (Eclo 17,20-28) Responsório (Sl 31) Evangelho (Mc 10,17-27) w 05/03, TERÇA-FEIRA Cor (verde)

Primeira Leitura (Eclo 35,1-15) Responsório (Sl 49) Evangelho (Mc 10,28-31) w 06/03, QUARTA-FEIRA Cor (roxo) Primeira Leitura (Jl 2,12-18) Responsório (Sl 50)

não tem”! E poderíamos completar o pensamento, assim: ‘Alguém só pode dar o que tem’!Portanto, a generosidade e qualidade do que ofertamos depende do que cultivamos ou nutrimos em nosso coração. Peçamos a Deus que transforme ou proteja o nosso coração, para que ele seja sempre fonte só de amor e nunca de rancor! Pois Deus diz que o amemos e nos amemos de todo o coração! (Dt 6,5; Lv 19,18; Jo 13,34). De alguma maneira, influenciamos e somos influenciados: ‘Ninguém é tão rico que não possa receber, e ninguém é tão pobre que não possa dar’. Recebamos e partilhemos do melhor que somos e temos, a bem de todos: o amor.

Liturgia da Semana w 01/03, SEXTA-FEIRA Cor (branco) Primeira Leitura (Eclo 6,5-17) Responsório (Sl 118) Evangelho (Mc 10,1-12) w 02/03, SÁBADO Cor (verde) Primeira Leitura (Eclo 17,1-13)

Responsório (Sl 102) Evangelho (Mc 10,13-16) w 03/03, DOMINGO Cor (verde) Primeira Leitura (Eclo 27,5-8) Responsório (Sl 91) Segunda Leitura (1Cor 15,54-58)

Segunda Leitura (2Cor 5,20-6,2) Evangelho (Mt 6,1-6.16-18) w 07/03, QUINTA-FEIRA Cor (roxo) Primeira Leitura (Dt 30,15-20) Responsório (Sl 1) Evangelho (Lc 9,22-25)


Vaticano 5 “A misericórdia é o que ajuda a superar a lei mundana da retaliação”

1º Caderno

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Dirigindo-se aos peregrinos na Praça São Pedro Francisco recordou a ordem de Jesus

C

om informações Vatican News. Uma “revolução da misericórdia”, capaz de superar o instinto humano e a lei mundana da retaliação. Assim, “proclamamos ao mundo que é possível vencer o mal com o bem”. Foi o que sugeriu o Papa em sua alocução que precedeu a Oração mariana do Angelus, no VII domingo do Tempo Comum, em 24 de fevereiro. Dirigindo-se aos milhares de peregrinos presentes na Praça São Pedro em um dia ensolarado e com baixas temperaturas, Francisco recordou que a ordem de Jesus “amar os vossos inimigos, fazer o bem a quem vos odeia e abençoar os que vos amaldiçoam” não é uma opção. E Jesus ordena isto não a todos, mas aos discípulos, “àqueles que o escutam”: “Ele sabe muito bem que amar os inimigos ultrapassa as nossas possibilidades, mas para isso se fez homem: não para deixar-nos assim como somos, mas para nos transformar em homens e mulheres capazes de um amor maior, aquele

de seu e nosso Pai . Este é o amor que Jesus dá a quem o “escuta”. E então isso se torna possível! Com Ele, graças ao seu amor, ao seu Espírito, nós podemos amar também aqueles que não nos amam, mesmo aqueles que nos fazem mal”. Como superar o instinto humano? Deste modo – explica o Papa - Jesus quer que em cada coração o amor de Deus triunfe sobre o ódio e o rancor. Mas se a “lógica do amor, que culmina na cruz de Cristo, é o que caracteriza o cristão e nos leva a ir ao encontro a todos, com coração de irmãos (...), como é possível superar o instinto humano e a lei mundana da retaliação?”, questiona. A resposta, recorda Francisco, “é dada por Jesus na mesma página do Evangelho: “Sede misericordiosos, como também o vosso Pai é misericordioso”: “Quem ouve Jesus, que se esforça em seguilo, mesmo que isso tenha seu preço, torna-se filho de Deus e começa a se assemelhar realmente ao Pai que está nos Céus.

FOTOS: DIVULGAÇÃO

w PEREGRINOS na Praça São Pedro durante a oração do Angelus

Nos tornamos capazes de coisas que nunca teríamos pensado ser capazes dizer ou fazer, e das quais nos teríamos até mesmo envergonhado, mas que agora, pelo contrário, nos dão paz e alegria. Não temos mais necessidade de ser violentos, com as palavras e os gestos; nos descobrimos capazes de ternura e de bondade; e sentimos que tudo isso não vem de nós, mas d’Ele! E, portanto, não nos vangloriamos disso, mas somos apenas agradecidos”. A REVOLUÇÃO DO AMOR

Não há nada maior e

mais fecundo do que o amor – diz o Papa -, pois “ele confere à pessoa toda a sua dignidade, enquanto ódio e a vingança a diminuem, deturpando a beleza da criatura feita à imagem de Deus”. E ressalta, que “esta ordem para responder ao insulto e ao erro com o amor, criou uma nova cultura no mundo: a “cultura da misericórdia - devemos aprendê-la bem, e praticá-la bem, esta cultura da misericórdia que dá vida a uma verdadeira revolução”: “É a revolução do amor, cujos protagonistas são os mártires de todos os tempos. E Jesus nos assegura

que nosso comportamento, marcado pelo amor para com aqueles que nos fazem mal, não será em vão. Ele diz: “Perdoai e sereis perdoados. Dai e vos será dado (...) porque, com a mesma medida com que medirdes os outros, vós também sereis medidos”. A exemplo de Deus que sempre nos perdoa – recordou o Santo Padre - também nós devemos perdoar sempre, pois “se não perdoarmos completamente, não podemos pretender ser perdoados completamente”, também. Pelo contrário, “se os nossos corações se abrem

à misericórdia, se o perdão é selado com um abraço fraterno e se estreitam os laços de comunhão, nós proclamamos ao mundo que é possível vencer o mal com o bem”: “Às vezes para nós é mais fácil recordar as ofensas, os males que nos fizeram e não as coisas boas, a ponto que existem pessoas que tem este costume e se torna uma doença. São os “colecionadores de injustiças”: somente recordam as coisas ruins que fizeram. E este não é o caminho. Devemos fazer o contrário, diz Jesus. Recordar as coisas boas é quando alguém vem com uma fofoca, que fala mal do outro, e dizer: “Mas, sim, quem sabe, mas ele tem isto de bom”. Inverter o discurso. Esta é a revolução da misericórdia”. “Que a Virgem Maria – foi seu pedido ao final - nos ajude a deixar-nos tocar o coração por esta palavra santa de Jesus, queimando como fogo, que nos transforma e nos torna capazes de fazer o bem sem recompensa, testemunhando em toda parte a vitória do amor”.

Pastoral familiar: campo fecundo de apoio entre ortodoxos e católicos Com informações Vatican News. A colaboração existente há mais de 15 anos com o Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos - com projetos culturais e educacionais com a participação de jovens estudantes - e a fecunda colaboração entre ortodoxos e católicos no âmbito da pastoral familiar, foram os aspectos destacados pelo Papa ao receber em audiência na manhã da segunda-feira, 25, na Sala dos Papas, uma delegação da Apostolikì Diakonia, guiada pelo bispo Agathanghelos. “Peço-lhes logo um favor – disse Francisco no início de seu pronunciamento - transmitam, no seu regresso a Atenas, as minhas cordiais e fraternas saudações à Sua Beatitude Ieronymos II, que há poucos dias celebrou, no dia 16 de fevereiro, o décimo primeiro aniversário da sua entronização”. O Santo Padre também pediu, “por intercessão do apóstolo Paulo - que pregou o Evangelho na Grécia e realizou o seu testemunho até o martírio aqui em Roma - para cumular de graças

o amado povo grego”. A colaboração existente há mais de 15 anos entre a Apostolikì Diakonia e o Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos, teve como frutos, entre outros, “louváveis projetos culturais e educacionais”. Este, – enfatizou o Pontífice - “é um bom exemplo de como é frutífero que católicos e ortodoxos trabalhem juntos”. Nestas iniciativas, especialmente “jovens estudantes de nossas Igrejas, experimentaram como o que temos em comum é muito mais do que o que nos mantém distantes. Realizar juntos, ajuda a redescobrir-nos irmãos”, sublinhou Francisco, que acrescentou: “Os jovens nos ensinam a não permanecer prisioneiros das diferenças, mas a despertar o desejo de caminhar juntos, sonhando a superação das dificuldades que impedem a plena comunhão. Cabe a nós continuar a caminhar juntos, a fazer juntos, a redescobrir-nos irmãos. Passo a passo, nas coisas que fazemos, poderemos vislumbrar, com a ajuda de Deus, sua pre-

w DELEGAÇÃO da Apostolikì Diakonia, da Igreja Greco-ortodoxa

sença de amor que nos une em uma comunhão cada vez mais forte”. Neste sentido, o Papa pede a graça de que se caminhe desta forma, “não cada um em seu próprio caminho, perseguindo as próprias metas, como se o outro fosse apenas alguém que a história colocou ao meu lado, mas como irmãos que a Providência fez encontrar e que seguem juntos em direção ao único Senhor, carregando os pesos um do outro, regozijando-se um pelos passos do outro”. A pastoral familiar – disse então o Pontífice - é um “ulterior campo fecundo de colaboração en-

tre ortodoxos e católicos, um campo que requer ser cultivado com paixão e urgência”. E observa: “Neste tempo, caracterizado por mudanças muito rápidas na sociedade, que se refletem em

A O

uma crescente fragilidade interior, as famílias cristãs, embora pertencendo a diferentes áreas geográficas e culturais, são provadas por muitos desafios semelhantes. E nós somos chamados a estar pró-

ximos deles, a ajudar as famílias a redescobrirem o dom do matrimônio e a beleza de proteger o amor, que se renova a cada dia na paciente e sincera partilha e na força suave da oração”. Mesmo que a vida em família não aconteça de acordo com a plenitude do ideal do Evangelho e não aconteça em paz e alegria, diz o Papa, somos chamados a estar próximos a ela: “Juntos, portanto, no respeito das respectivas tradições espirituais, podemos colaborar ativamente para promover, em vários contextos nacionais e internacionais, atividades e propostas que dizem respeito às famílias e aos valores familiares”.

verdadeira religiosidade consiste em amar a Deus de todo o coração e o próximo como a si mesmo. (26 de fevereiro) amor de Deus é a única força capaz de fazer novas todas as coisas. (25 de fevereiro)


1º Caderno Igreja no Mundo Igreja nos EUA: vivendo a Quaresma 6

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Calendário foi preparado para viver o período que começa com a quarta-feira de Cinzas

C

om informações agência Gaudium Press. No próximo dia 06 de março, com a Quarta-feira de Cinzas, a Igreja inicia a Quaresma, tempo litúrgico que convida os católicos a intensificar a oração, o jejum e a esmola. Em preparação a este tempo, a Conferência de Bispos Católicos dos Estados Unidos (USCCB, sua sigla em inglês), colocou à disposição uma série de recursos para ajudar a viver os 40 dias prévios à Páscoa da Ressurreição. Um desses recursos é o Calendário de Quaresma que todos os anos prepara o organismo eclesial, no qual se

convida, desde o dia 06 de março até 21 de abril -Domingo de Páscoa-, a intensificar a oração, o jejum e a caridade diante de uma das festas mais importantes do ano para a Igreja Católica, que é justamente a Páscoa. Cada dia, marcado no calendário, se convidará os batizados a uma ação específica para a vivência da Quaresma intensificando o tempo da oração desde a reflexão das Sagradas Escrituras, assim como a penitência e a abstinência; e a prática da esmola como expressão de caridade aos mais necessitados. Além disso, se anima aos católicos a ver na confissão sacramental

FOTOS: DIVULGAÇÃO

uma parte importante para a vida espiritual, so-

bretudo durante a Quaresma. Além disso, se

disponibilizou um recurso para ajudar as pessoas

que não se confessam há algum tempo, para que redescubram este sacramento. A USCCB, recorda ainda que durante a Quaresma os batizados “são chamados a renovar seu compromisso batismal”, e outras pessoas se preparam para o Batismo mediante o Rito da Iniciação Cristã para Adultos; sendo “um período de aprendizagem e discernimento para as pessoas que declararam seu desejo de converterse em católicos”. Assinalam, ainda, que a chave para observar as práticas quaresmais da oração, do jejum e da esmola, convocam a reconhecer seu vínculo com a renovação batismal.

Celebração do Jubileu de 500 anos em Bangladesh

w CATHEDRAL PARISH Diocese of Chittagong, em Bangladesh

Com informações agência Gaudium Press. Mais de oito mil católicos, 100 sacerdotes, 120 religiosas e 10 Bispos de todo o país, participaram dos festejos pelo Jubileu de 500 anos da chegada dos primeiros católicos à Bangladesh. As celebrações ocorreram em Diang, na Diocese de Chittagong (recentemente renomeada Chattogram). O Bispo de Chittagong Dom Moses Costa,

destacou que, ao desembarcarem nas costas de Chittagong há 500 anos, os primeiros comerciantes portugueses. Somente após 80 anos chegaram os sacerdotes. O primeiro missionário católico, Padre Francisco Fernández, colocou os pés na Diocese de Cochin (Índia) no ano de 1598. A primeira igreja de Bangladesh foi construída no ano seguinte em Diang (Chittagong).

E em 1600 se construiu outros dois templos, em Bandal e Jamalkhan. As origens do cristianismo nesta terra foram marcadas também pelo sangue do martírio do Padre Fernández ocorrido em 14 de novembro de 1602. Atualmente a Igreja Católica em Bangladesh conta com 380 mil fiéis, apesar do país ser de maioria muçulmana. Desses católicos, 33 mil habitam em Chittagong.

Igreja no Brasil

Igreja do Bonfim reabre para missas em Olinda

C

om informações Arquidiocese de Olinda. Uma celebração eucarística presidida pelo bispo auxiliar da Arquidiocese de Olinda e Recife, Dom Limacêdo Antonio, marcou a reabertura, no sábado, 16 de fevereiro, das atividades do Oratório Particular Bom Jesus do Bonfim, conhecido como Igreja do Bonfim, em Olinda. A reabertura acontece após uma interdição em 2012 motivada por problemas estruturais. Com recursos do Programa

de Aceleração do Crescimento das Cidades Históricas, a restauração do templo teve início em abril de 2017 e, em outubro de 2018, o Iphan anunciou o fim das obras e entregou a igreja à Arquidiocese. Alguns ajustes precisaram ser feitos e a igreja foi mobiliada até poder receber os fiéis – os bancos, por exemplo, estavam na Igreja do Rosário dos Pretos e foram trazidos com a ajuda da população. Mesmo com a notícia do roubo de qua-

tro imagens no início do mês de fevereiro, a celebração aconteceu com muita fé e piedade, com participação de fiéis que estavam ansiosos pelo momento. A funcionária pública aposentada Myrian Gondim, de 93 anos, mora na casa ao lado e revelou que, quando a igreja fechou, parecia que havia morrido uma pessoa da família. “Herdamos a casa de meu avô Belarmino e vim morar aqui ainda menina, participava de

w RESTAURAÇÃO Igreja do Bonfim, em Olinda

novenas, missas e senti muito quando a igreja foi fechada”, explicou. “Hoje meu coração junta a alegria da abertura e a alegria do carnaval, que está em meu sangue olindense”, disse.

As prévias carnavalescas da cidade histórica respeitaram a celebração eucarística no Bonfim: uma a uma, as orquestras paravam de tocar e os blocos seguiam, em silêncio, ao lado da igre-

ja. Foram quatro blocos. Mais na frente, retomavam a folia. “Muito bonito ver o respeito dos blocos à nossa Igreja”, comentou a olindense Maria do Carmo Rivera, que participou da celebração.

Congresso reúne dois mil catequistas no Santuário de Aparecida Com informações agência Gaudium Press. Entre os dias 08 a 10 de fevereiro, catequistas de todo o país se reuniram no Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, em São Paulo, para

participar do congresso “Catequistas Brasil”. O encontro teve por objetivo levar formação para os catequistas a fim de que se dediquem à pastoral de forma evangelizadora e missionária,

além de oferecer conhecimentos técnicos e didáticos para capacitar os catequistas, abordando inclusive temas relacionados às novas tecnologias. Por volta de dois mil catequistas participaram

do evento, que ocorreu no Centro de Eventos Padre Vitor Coelho de Almeida, localizado ao lado do Santuário Nacional. Ao longo do Congresso foram desenvolvidas uma série de conferências te-

máticas e oficinas ministradas por catequistas. Para elaborar o conteúdo do congresso, os leigos e religiosos especialistas em catequese tiveram a supervisão do Padre Paulo Cesar Gil,

da Arquidiocese de São Paulo, membro da Comissão Bíblico-Catequética da CNBB, e do Padre João Carlos Almeida, da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus (SCJ).


1º Caderno

D

urante três dias, em Roma, especialistas da Amazônia e de outras regiões se reuniram para um seminário em vista do Sínodo de outubro. O seminário preparatório ao Sínodo dos Bispos para a Amazônia concluiu-se na quarta-feira, 27, em Roma. Foram três dias de conferências e debates em torno da dimensão regional e universal deste Sínodo extraordinário, com a participação de bispos e especialistas do território amazônico e de outras regiões. O presidente da Rede Eclesial Pan-Amazônica, Card. Cláudio Hummes, fez um balanço do seminário, definindo-o uma etapa preparatória “muito importante” por oferecer uma fundamentação científica, histórica, litúrgica e cultural ao Sínodo. O arcebispo emérito de São Paulo falou também da audiência com o Papa Francisco: Foi muito bom, o Papa nos recebeu muito bem, como sempre. Foi uma graça realmente encontrá-lo. Eu, sobretudo, sempre tenho muito amor a esses momentos em que se pode encontrar. Ele nos confirmou em todo este trabalho, mas insistindo muito que não perdêssemos o foco, que não deixássemos diluir o tema. O tema é específico, não se pode querer falar de todas as coisas possíveis, de todos os desafios da Igreja. Há um tema específico, que é a Amazônia, a Igreja na Amazônia, a ecologia integral - que, claro, vai ter um reflexo

Igreja 7 O Sínodo é para a Amazônia, mas com reflexo mundial BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Especialistas da Amazônia reuniram-se por três dias em Roma DIVULGAÇÃO

w GRUPO de especialistas na temática amazônica, dentre eles o Arcebispo de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa

universal depois na Igreja. MARAJÓ

Um dos participantes da Amazônia brasileira foi o bispo da prelazia do Marajó, no Pará, Dom Evaristo Spengler:

O Papa já nos dá a receita: tudo está interligado. A Amazônia não está isolada do mundo e este Sínodo é dirigido para a Amazônia, mas com reflexo para o mundo inteiro, seja na questão ambiental, ecológica,

Mundo juvenil e a fé cristã

os nossos destinos estão interligados. Aquilo que acontece na Amazônia vai acontecer em outros lugares do mundo. E, ao mesmo tempo, a Igreja procura novos caminhos eclesiais, como a Igreja pode de fato ser mais

presente, mais samaritana, mais próxima e solidária com o nosso povo. Isso é algo que a Igreja busca no mundo inteiro, uma Igreja em saída. Então estamos interligados: a Amazônia com o mundo.

Dom Antônio de Assis Ribeiro - Bispo Auxiliar de Belém (domantoniodeassis@arqbelem.org)

Ecos da JMJ Panamá: A Juventude é de Cristo! INTRODUÇÃO

E

xatamente há um mês, centenas de milhares de jovens estavam reunidos na Cidade do Panamá vivenciando dias do maior evento juvenil católico de dimensão mundial: a Jornada Mundial da Juventude. Foram dias maravilhosos cheios de muitas celebrações religiosas, com eventos culturais, de profundo e provocante conteúdo. Seria uma pena deixar tudo isso no esquecimento. Por isso, vale a pena recordar brevemente o conteúdo de alguns eventos. É isso o qual me proponho nos próximos artigos! As diversas reflexões, em sintonia com o tema da Jornada estiveram em profunda relação com os estímulos propostos pelo documento conclusivo do Sínodo sobre os jovens. O tema da JMJ (Panamá 2019), «Eis a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra» (Lc 1,38), convocou os jovens participantes a fazerem uma profunda reflexão sobre o sentido da vida, a darem importância ao discernimento vocacional e a viverem com alegria a própria decisão vocacional sendo fieis à Igreja e à sua missão.

1

“Esta é a juventude de Cristo!” “Esta es la juventud del papa!”, era o refrão que mais se

ouvia, gritado pelos jovens peregrinos todos os dias pelas avenidas, praças e aglomerações várias. Aliás, isso se passou também em outras Jornadas. Os jovens renovaram o carinho, a admiração e o espírito de comunhão com o sucessor de Pedro. Fora do espírito de comunhão, não há Igreja (Católica), porque sem ela também não haveria espaço para a obediência. Todavia, na missa solene de abertura da JMJ, concelebrada por mais de 250 bispos e centenas de sacerdotes provenientes dos cinco continentes, o presidente na celebração, o arcebispo da Cidade do Panamá, Dom José Domingos Ulloa, advertiu os jovens para não se fixarem na pessoa do Papa. Disse que “a juventude não é do Papa, mas de Cristo!”. Imediatamente a massa concordou e ele continuou a reflexão dizendo que, não haverá comunhão com a doutrina da Igreja e nem respeito ao Papa, onde não há o sentido de pertença a Cristo. Com outras palavras, o arcebispo quis educar os jovens a superarem qualquer grito de simpatia pela pessoa do Papa, mas sem consistência, sem espírito de fé e sem reconhecimento que Pedro representa e significa. A verdadeira juventude do Papa deve ser a mesma juventude de Jesus Cristo: é aquela que vive em comunhão com

a Igreja, que participa da sua missão e luta pela promoção do Reino de Deus. Em sua homilia, o arcebispo estimulou os jovens a buscarem um intenso encontro com Jesus Cristo. “Maria nos guia nesse caminho. Ela é a serva do Senhor! Somos chamados a imitar a sua disponibilidade!”

2

Conhecer a Jesus Cristo A juventude é de Cristo! Por isso ela é chamada a conhecê-lo e a identificá-lo como seu mestre, senhor e amigo. Maria é a referência e o modelo de quem, de modo exemplar acolheu, conheceu e conviveu em profunda comunhão com Jesus. O fato do Filho de Deus assumir a forma humana no seu ventre, representa para os jovens hoje, um sério e necessário caminho de formação espiritual. À medida que Jesus crescia no seio de Maria, ela também se transformava e se dinamizava missionariamente. Os jovens são chamados a fazerem a mesma experiência. Não contaremos com jovens missionários, enquanto essa realidade mariana também não for algo presente na mente e no coração dos jovens. Por isso, todos os evangelizadores adultos são chamados a facilitarem aos jovens essa experiência de intimidade com a Palavra de Deus e de estarem “em saída”.

3

A juventude de Cristo e do Papa é missionária O presidente da celebração convocou os jovens a um profundo compromisso missionário, a serem homens e mulheres sensíveis, a rezarem pela juventude indígena, afrodescendente, os migrantes, os pobres e todos aqueles que vivem em situação de exclusão e injustiça social. “Animados pela força do Espírito Santo, os jovens são chamados a sonhar com um mundo melhor e a lutar por mudanças saudáveis” - disse o arcebispo. De fato, de que adiantaria tanta euforia litúrgica, fervor nos eventos, ou mesmo louvores extasiantes, se na prática não testemunhassem a própria fé, não evangelizassem e promovessem o Reino de Deus? A juventude de Cristo é a juventude missionária, inquieta, sensível! Ainda falando de questões sociais, Dom José Domingos animou os jovens a conhecerem a Doutrina Social da Igreja. Ela está condensada num documento chamado DOCAT. Nele encontraremos os princípios, critérios e valores que regem a atuação da Igreja no mundo das mais variadas questões sociais. Alertou os jovens dizendo que “o enfrentamento dos problemas sociais, para a Igreja, devem ser encarados com espírito de fé e não de modo

ideológico!” Para a Igreja, fiel a Jesus Cristo, tudo está baseado no princípio supremo da Caridade, que é o amor a Deus e ao próximo. As ideologias passam!

4

A santidade não é um mito! O presidente da celebração, também falou da necessidade da santidade. Disse que “a santidade nos leva a arriscar!” Os jovens são chamados a não terem medo do futuro, dos desafios e nem das adversidades da vida. “Ser santo é também saber sofrer, saber lutar contra a corrupção, defender e promover a vida; ser santo é ser alegre, ser misericordioso, ser capaz de fazer o bem... A santidade não é um mito!” Enfim, por diversas vezes, incentivou os jovens ao protagonismo que é a visibilidade da subjetividade dos jovens como Igreja. “O protagonismo juvenil faz o jovem inquieto: “sejam capazes de inquietar os adultos! Mas é preciso capacitar-se!” REFLEXÃO:

1 2

“A juventude não é do Papa, mas de Cristo!” O que isso lhe provoca? Em que Maria pode estimular os jovens na intimidade com a Palavra de Deus e na atitude missionária? Você já ouviu falar na Doutrina Social da Igreja?

3


8

Nazaré Repórter

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

J RECESSO

RÁDIO NAZARÉ

NA CÚRIA

A Arquidiocese de Belém comunica que a Cúria Metropolitana fará recesso no período de Carnaval. Do dia 2 até o dia 6 de março, a instituição não funcionará, retornando ao expediente normal na quinta-feira, 7 de março, às 8h.

Z MH 3 . 91 FM

l PADRE NILTON RETORNA AO PROGRAMA “IGREJA - PONTO A PONTO”

J CORRIDA E CAMINHADA SOLIDÁRIA No dia 21 de abril, a Comunidade do Sagrado Coração de Jesus, pertencente à Paróquia de Santo Afonso Maria de Ligório, promove a 1º Corrida e Caminhada Solidária, com o objetivo de arrecadar fundos para a compra das portas e janelas da nova capela que, após

1º Caderno

32 anos de existência, passa por uma grande reforma de readequação. O evento premiará os três primeiros colocados da corrida e da caminhada. Na chegada, será oferecido um café da manhã para todos os participantes. Mais informações: (91) 98889-9998.

J RETIRO QUARESMAL JOVENS O Centro Magis Amazônia convida a todos os jovens para participar do ‘Retiro Quaresmal para Jovens’, realizado toda terça-feira, às 17h, no centro Magis, localizado na avenida Governador José Malcher, 1169, bairro de Nazaré. É um momento de espiritualidade, oração, partilha e louvor. Mais informações pelo número (91) 98322-0075.

Padre Nilton Cezar Reis, após o período de férias, retorna para a apresentação do programa “Igreja - Ponto a ponto”. Sintonize 91,3 Mhz e acompanhe de segunda a sextafeira o programa, a partir das 8h. O ouvinte pode interagir durante a programação ligando para a central de atendimento, no número

4006-9211 ou pelo WhatsApp da Rádio Nazaré 98814-0275. Participe!

RÁDIO NAZARÉ FM - 91,3. A SERVIÇO DA VIDA. NOSSA MISSÃO É EVANGELIZAR!

REDE NAZARÉ DE TELEVISÃO

AL CAN

30

l LANÇAMENTO DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE

J ENCONTRO “SOL DA MEIA NOITE” No dia 16 de março será realizada a segunda edição do encontro “Sol da Meia Noite”, no auditório da Paróquia São Francisco de Assis, a partir das 23h. O evento oferece

uma noite diferente para a juventude com muita oração, espiritualidade, adoração e louvor. As inscrições estão abertas. Participe! Mais informações: (91) 3073-1519.

J REGULARIZAÇÃO DE DÉBITOS A Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) realiza campanha até o próximo sábado, 2, de negociação de débitos para moradores de Mosqueiro, distrito de Belém; e do município de Salinópolis, nordeste do Pará. As equipes da

companhia irão oferecer todas as possibilidades de negociação ao consumidor. Para visualizar os débitos, os clientes da Cosanpa podem acessar na área “atendimento” no site da Cosanpa a segunda via da fatura e resgatar as pendências.

J ENCONTRÃO DE JOVENS No dia 24 de março, a partir das 8h, a Paróquia de São Judas Tadeu promove o Encontrão Jovem, na comunidade Nossa Senhora das Graças, avenida Roberto Camelier, passagem Alan Kardec, no bairro da Condor. Com o tema “Coragem, levanta-te! Ele te chama” (Mc 10, 49), a programação constará de muito louvor, pregação, teatro, adoração e Santa Missa. Participe com a sua família. Entrada franca! Mais informações: (91) 3115-6020.

J FESTEJOS A Comunidade de São José, ligada à Paróquia de Nossa Senhora do Amparo, no conjunto Cidade Nova 8, Ananindeua, realiza de 17 a 23, a festividade em honra do padroeiro, cujo tema “Em São José, Patrono da Igreja: Obediência e missão”. Os festejos têm por objetivo angariar recursos para a reforma da igreja. A comunidade tem sede na Alameda Tancredo Neves, 25, conjunto Cidade Nova 8. Informações: 3287-2413.

Acompanhe pela Rede Nazaré de Comunicação, canal 30.1 – ou na sintonia da sua cidade – o lançamento da campanha da Fraternidade 2019 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), este ano com o tema “Fraternidade e políticas públicas”, e lema “Serás libertado pelo direito e pela justiça” (Is 1, 27). Às 9h, a Arquidiocese anuncia como será a campanha em Belém, durante entrevista

PORTAL NAZARÉ

coletiva à Imprensa do Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, quartafeira, 6, às 9h, na Cúria Metropolitana. E às 10h, acompanhe a abertura oficial em Brasília. W. WW RE. AZA ON M.BR A C CO DA FUN

J ESCOLA BÍBLICA ENSINA SOBRE EVANGELHOS SINÓTICOS

J BANCO DE LEITE

de março, a instituição

Com o número baixo e alarmante que pode comprometer a qualidade no setor pediátrico da saúde pública em Belém, a Santa Casa de Misericórdia do Pará pede por doações de leite materno. Para doar, basta à mulher estar saudável e apresentar excedente na produção de

leite. As mães que tiverem interesse podem se cadastrar no site da Santa Casa, no site dos Bombeiros, ou através do telefone 4009-0375. Por meio da parceria com o projeto é possível doar sem sair de casa. Uma equipe vai até a doadora e explica todo o procedimento para a doação e coleta do leite.

A Escola Bíblica São Jerônimo, um projeto da Faculdade Católica de Belém, Instituto Parresia (Comunidade Católica Shalom) e da Catedral de Belém, terá atividade no próximo sábado, 9, quando aplicará o módulo de estudo dedicado aos Evangelhos Sinóticos. O curso direcionado a leigos interessados a aprofundar os seus conhecimentos da Sagrada Escritura terão formação das 19h às 21h10, na escola que funciona na Catedral de Belém, situada

na praça Frei Caetano Brandão, s/nº, no bairro da Cidade Velha, em Belém. A participação dos interessados é mediante pagamento de taxa. A Escola Bíblica São Jerônimo promove os cursos com apoio da Catedral e parceria com a Faculdade Católica. As formações desenvolvidas pela Escola Bíblica propõem um itinerário de formação bíblica visando conhecer bem a Sagrada Escritura. Mais informações pelo número (91) 2121-3722.

l PORTAL DIVULGA OS RETIROS COM CRISTO Acesse o Portal Nazaré e confira as principais informações dos retiros espirituais organizados por grupos, paróquias e comunidades da Arquidiocese de Belém em preparação para o início da quaresma. Acompanhe as notícias da Igreja de Belém pelos veículos de comunicação da Fundação Nazaré

de Comunicação. Acesse o portal: www. fundacaonazare.com. br e as redes sociais da instituição: Facebook:/ FNCBelem e Twitter: @FundacaoNazare. Faça parte da Família Nazaré e nos ajude a levar o Evangelho mais longe. Conheça a nossa campanha Seja Mais Um: www.sejamaisum.com.br.


1º Caderno

BELÉM, DE 1 A 7 DE FEVEREIRO DE 2019

Fundação Nazaré

Escute na Rádio Nazaré FM 91.3 SEXTA - FEIRA 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h00 - Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h35 - Novo tempo 08h00 - Igreja ponto a ponto 09h00 - Seja+Um 09h30 - Informe Noticias 10h00 - Informe Noticias 10h00 - Nazaré em revista 10h30 - Informe Notícia 11h00 - Informe Noticias 11h30 - Informe Noticias 11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Segurança e Cidadania 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 - Informe Noticias 16h00 - Varanda Musical 16h30 - Informe Notícia 17h00 - Informe Noticias 17h30 - Informe Notícia 17h45 - Ângelus – Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Saudade em Versos e Canções 22h00 - A voz do pastor 22h30 – Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - Mensagem de Encerramento 00h00 - Rede Milícia Sat – Igreja no Rádio SÁBADO 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h00 - Lírio Mimoso 04h05- Especial Pe. Zezinho 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios da Alegria 06h00 - A Voz do Pastor 07h00 - Jornal Brasil Hoje 08h00 - Conhecendo Jesus 10h00 - Maria de Todos os Povos

11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Musical Nazaré 14h30 - Terço da Misericórdia 15h00 - Criança Evangelizando Criança 16h00 - Evangelizando Através do Dizimo 17h00 - A vida e o tempo 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Gozosos 18h30 - Musical Mariano 19h00 - Musical Nazaré 22h00 - A voz do Pastor 22h15 - Domínio jovem 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat DOMINGO 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h00 - Lírio Mimoso 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Gloriosos 06h00 - A Voz do Pastor 07h00 - SANTA MISSA 08h00 - Vem e Segue-me 10h00 - Musical Mensagem 11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Universo Acadêmico 15h00 - Terço da Misericórdia 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Gloriosos 19h00 - Clássico Nazaré 20h00 - Circuito M P B 22h00 - A Voz do Brasil 22h15 - Especial PE. Zezinho 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio SEGUNDA - FEIRA 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h00 - Lírio Mimoso 05h00 - Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé

Ligue: (91) 4006-9251 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h35 - Novo tempo 08h00 - Igreja ponto a ponto 09h00 - Seja+Um 09h30 - Informe Noticias 10h00 - Informe Noticias 10h00 - Nazaré em revista 10h30 - Informe Notícia 11h00 - Informe Noticias 11h30 - Informe Noticias 11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Varanda Musical 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 - Informe Noticias 16h00 - Saúde e Cidadania 16h30 - Informe Notícia 17h00 - Informe Noticias 17h30 - Informe Notícia 17h45 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios da Alegria 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Caminhando na fé 21h00 - Orando com Você - Com. Maíra 22h00 - A voz do pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio TERÇA - FEIRA 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h00 - Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h35 - Novo tempo 08h00 - Igreja ponto a ponto 09h00 - Seja+Um 09h30 - Informe Noticias 10h00 - Informe Noticias 10h00 - Nazaré em revista 10h30 - Informe Notícia 11h00 - Informe Noticias 11h30 - Informe Noticias 11h55 - Momento de Oração

- Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Varanda Musical 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 - Informe Noticias 16h00 - Direito e Cidadania 16h30 - Informe Notícia 17h00 - Informe Noticias 17h30 - Informe Notícia 17h30 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 17h45 - Voz do Pastor 18h00 - Novena Nossa Senhora Perpétuo Socorro 18h30 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Família em ação 22h00 - A voz do pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio QUARTA - FEIRA 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h00 - Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h35 - Novo tempo 08h00 - Igreja ponto a ponto 09h00 - Seja+Um 09h30 - Informe Noticias 10h00 - Informe Noticias 10h00 - Nazaré em revista 10h30 - Informe Notícia 11h00 - Informe Noticias 11h30 - Informe Noticias 11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Fé e vida 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 - Informe Noticias 16h00 - Educação e Cidadania 16h30 - Informe Notícia 17h00 - Informe Noticias 17h30 - Informe Notícia

17h45 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Gloriosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Musical Mensagem 21h00 - Orando com Você - Com. Mar adentro. 22h00 - A voz do pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio QUINTA - FEIRA 04h00 - ABERTURA DA EMISSORA 04h05 - Especial Pe. Zezinho 05h00 - Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h35 - Novo tempo 08h00 - Igreja ponto a ponto 09h00 - Seja+Um 09h30 - Informe Noticias 10h00 - Informe Noticias 10h00 - Nazaré em revista 10h30 - Informe Notícia 11h00 - Informe Noticias 11h30 - Informe Noticias 11h55 - Momento de Oração - Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Entre nós 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 - Informe Noticias 16h00 - Varanda Musical 16h30 - Informe Notícia 17h00 - Informe Noticias 17h30 - Informe Notícia 17h45 - Ângelus - Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Oração do terço - Mistérios Luminosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Musical Mensagem 21h00 - Orando com Você - Diáconos de Belém 22h00 - A voz do Pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat – Igreja no Rádio

Assista na TV Nazaré - Canal 30.1 SEXTA-FEIRA 00:00 - Fraternidade em Ação 00:10 - Adoração Ao Santíssimo 01:10 - Terra Santa News 01:30 - Mãe Maria 01:40 - Comunidade Viva 02:00 - Igreja que Sofre 02:30 - Caminhando Na Fé 02:45 - Mãe Maria 02:55 - Palavra de Vida Eterna 03:00 - Cine Nostalgia 04:00 - Diálogo Aberto 05:00 - TeleCurso - Ensino Médio 05:30 - TeleCurso - Ensino Médio Espanhol 05:45 - Mãe Maria 05:55 - Terço Doloroso 06:25 - Palavra de Vida Eterna 06:30 - Caminhando Na Fé 06:45 - Em Família 06:55 - Preparando a Festa 07:00 - Santa Missa Mantinal 08:00 - Fraternidade em Ação 08:10 - Caminhando Na Fé 08:25 - Mãe Maria 08:35 - Palavra de Vida Eterna 08:40 - Mulher.com 11:10 - Desenho 12:00 - Nazaré Notícias 12:50 - Palavra de Vida Eterna 12:55 - Fazendo Esperança 13:25 - Caminhando Na Fé 13:40 - Sal da Terra 13:55 - Igreja que Sofre 14:25 - Fraternidade em Ação 14:35 - Em Família 14:50 - Mãe Maria 15:00 - De Mãos Dadas 16:00 - TeleCurso - Ensino Médio 16:30 - Fazendo Esperança 17:00 - Caminhando Na Fé 17:15 - Fraternidade em Ação 17:25 - Terço Doloroso 17:55 - Preparando a Festa 18:00 - Santa Missa Vespertina 19:00 - Nazaré Notícias 19:50 - Caminhando Na Fé 20:05 - Cine Nostalgia 21:05 - Espaço Cultural 22:35 - Terra Santa News 22:55 - Mãe Maria 23:05 - Palavra de Vida Eterna 23:10 - Caminhando Na Fé 23:25 - Fraternidade em Ação 23:35 - Terço Doloroso SÁBADO 00:00 - Música Mensagem 02:00 - Fiaccolata 03:00 - Cine Nostalgia 04:00 - Conversa com Meu Povo 04:30 - Mãe Maria 05:00 - Telecurso Ensino Fundamental 06:00 - Terço Gozoso 06:30 - Conversa com Meu Povo 07:00 - Notícias Pastorais 07:45 - Sal da Terra 08:00 - Missa no Rio de Janeiro-RJ

09:00 - Mãe Maria 09:10 - Comunidade Viva 09:30 - Conversa com Meu Povo 10:00 - Pesca Amazônia 11:00 - Sal da Terra 11:15 - Fraternidade em Ação 11:30 - Palavra de Vida Eterna 11:35 - Mãe Maria 11:40 - Terra Santa News 12:00 - Notícias Pastorais 12:45 - Palavra de Vida Eterna 12:50 - Mãe Maria 13:00 - Pensando Bem 14:00 - Santa Missa e Adoração em São Paulo-SP 15:45 - Viagem pela Amazônia 16:15 - Conversa com Meu Povo 16:45 - Notícias Pastorais 17:30 - Terço Gozoso 18:00 - Música Mensagem 20:00 - Conversa com Meu Povo 20:30 - Cine Nostalgia 21:30 - Fiaccolata 22:30 - Comunidade Viva 22:50 - Mãe Maria 23:00 - Conversa com Meu Povo 23:30 - Terço Gozoso DOMINGO 00:00 - Música Mensagem 02:00 - Igreja que Sofre 02:30 - Conversa com Meu Povo 03:00 - Sal da Terra 03:15 - Notícias Pastorais 04:00 - Igreja que Sofre 04:30 - Cine Nostalgia 05:30 - Palavra de Vida Eterna 05:35 - Terra Santa News 05:55 - Palavra de Vida Eterna 06:00 - Terço Glorioso 06:30 - Sal da Terra 06:45 - Fraternidade em Ação 06:55 - Palavra de Vida Eterna 07:00 - Santa Missa Dominical 08:00 - Notícias Pastorais 08:45 - Palavra e Vida 09:00 - Mãe Maria 09:10 - Desenho 09:55 - Palavra de Vida Eterna 10:00 - Diálogo Aberto 11:00 - Missa da Junetude 12:20 - Notícias Pastorais 13:05 - Ângelus 13:20 - Encantos da Amazônia 14:20 - Palavra e Vida 14:35 - Mãe Maria 14:45 - Fraternidade em Ação 14:55 - Palavra de Vida Eterna 15:00 - Cine Nostalgia 16:00 - Dedo de Prosa 17:00 - Missa Santuário Nacional de Aparecida 18:00 - Palavra de Vida Eterna 18:05 - Sal da Terra 18:20 - Mãe Maria 18:30 - Terço Glorioso 19:00 - Encantos da Amazônia 20:00 - Espaço Cultural 21:30 - Janela Aberta

9

22:30 - Questão de Fé 23:30 -Terço Glorioso SEGUNDA - FEIRA 00:00 - Fraternidade em Ação 00:10 - De Mãos Dadas 01:10 - Terra Santa News 01:30 - Cine Nostalgia 02:30 - Caminhando Na Fé 02:45 - Mãe Maria 02:55 - Palavra de Vida Eterna 03:00 - Encantos da Amazônia 04:00 - Diálogo Aberto 05:00 - TeleCurso - Ensino Médio 05:30 - TeleCurso - Ensino Médio Espanhol 05:45 - Palavra de Vida Eterna 05:50 - Mãe Maria 06:00 - Terço Gozoso 06:30 - Caminhando Na Fé 06:45 - Em Família 06:55 - Preparando a Festa 07:00 - Santa Missa Mantinal 08:00 - Palavra de Vida Eterna 08:05 - Fraternidade em Ação 08:15 - Caminhando Na Fé 08:30 - Mãe Maria 08:40 - Mulher.com 11:10 - Desenho 12:00 - Nazaré Notícias 12:50 - Mãe Maria 13:00 - Fazendo Esperança 13:30 - Caminhando Na Fé 13:45 - Mãe Maria 13:55 - Palavra de Vida Eterna 14:00 - Igreja que Sofre 14:30 - Fraternidade em Ação 14:40 - Em Família 14:55 - Palavra de Vida Eterna 15:00 - De Mãos Dadas 16:00 - TeleCurso - Ensino Médio 16:30 - Fazendo Esperança 17:00 - Caminhando Na Fé 17:15 - Fraternidade em Ação 17:25 - Terço Gozoso 17:55 - Preparando a Festa 18:00 - Santa Missa Vespertina 19:00 - Nazaré Notícias 19:50 - Caminhando Na Fé 20:05 - Janela Aberta 21:05 - Cine Nostalgia 22:05 - Nazaré Notícias 22:55 - Mãe Maria 23:05 - Caminhando Na Fé 23:20 - Fraternidade em Ação 23:30 - Terço Gozoso TERÇA-FEIRA 00:00 - Mãe Maria 00:10 - De Mãos Dadas 01:15 - Conversa com Meu Povo 01:45 - Palavra de Vida Eterna 01:50 - Mãe Maria 02:00 - Igreja que Sofre 02:30 - Conversa com Meu Povo 03:00 - Cine Nostalgia 04:00 - Janela Aberta 05:00 - Telecurso Ensino Médio

05:30 - Telecurso Espanhol 05:45 - Em Família 05:55 - Terço Doloroso 06:25 - Conversa com Meu Povo 06:55 - Preparando a Festa 07:00 - Santa Missa Mantinal 08:00 - Conversa com Meu Povo 08:30 - Mãe Maria 08:40 - Mulher.com 11:10 - Desenho 12:00 - Nazaré Notícias 12:50 - Palavra de Vida Eterna 12:55 - Sal da Terra 13:10 - Mãe Maria 13:20 - Conversa com Meu Povo 13:50 - Desenho 15:00 - Novena do Perpétuo Socorro 15:45 - Sal da Terra 16:00 - Telecurso Ensino Médio 16:30 - Conversa com Meu Povo 17:00 - Palavra de Vida Eterna 17:05 - Comunidade Viva 17:25 - Terço Doloroso 17:55 - Preparando a Festa 18:00 - Santa Missa Vespertina 19:00 - Nazaré Notícias 19:50 - Palavra de Vida Eterna 19:55 - Sal da Terra 20:10 - Conversa com Meu Povo 20:40 - Terra Santa News 21:00 - Questão de Fé 22:00 - Nazaré Notícias 22:50 - Em Família 23:00 - Conversa com Meu Povo 23:30 - Terço Doloroso QUARTA-FEIRA 00:00 - Fraternidade em Ação 00:10 - De Mãos Dadas 01:10 - Terra Santa News 01:30 - Encantos da Amazônia 02:30 - Caminhando Na Fé 02:45 - Mãe Maria 02:55 - Palavra de Vida Eterna 03:00 - Novena do Perpétuo Socorro 03:45 - Caminhando Na Fé 04:00 - Questão de Fé 05:00 - TeleCurso - Ensino Médio 05:30 - TeleCurso - Ensino Médio Espanhol 05:45 - Mãe Maria 05:55 - Terço Glorioso 06:25 - Palavra de Vida Eterna 06:30 - Caminhando Na Fé 06:45 - Em Família 06:55 - Preparando a Festa 07:00 - Santa Missa Mantinal 08:00 - Palavra de Vida Eterna 08:05 - Fraternidade em Ação 08:15 - Caminhando Na Fé 08:30 - Mãe Maria 08:40 - Mulher.com 11:10 - Desenho 12:00 - Nazaré Notícias 12:50 - Mãe Maria 13:00 - Palavra de Vida Eterna 13:05 - Fazendo Esperança 13:35 - Caminhando Na Fé 13:50 - Sal da Terra 14:05 - Igreja que Sofre

14:35 - Fraternidade em Ação 14:45 - Em Família 14:55 - Palavra de Vida Eterna 15:00 - De Mãos Dadas 16:00 - TeleCurso - Ensino Médio 16:30 - Fazendo Esperança 17:00 - Caminhando Na Fé 17:15 - Fraternidade em Ação 17:25 - Terço Glorioso 17:55 - Preparando a Festa 18:00 - Santa Missa Vespertina 19:00 - Nazaré Notícias 19:50 - Caminhando Na Fé 20:05 - Pensando Bem 21:05 - Encantos da Amazônia 22:05 - Nazaré Notícias 22:55 - Mãe Maria 23:05 - Caminhando Na Fé 23:20 - Fraternidade em Ação 23:30 - Terço Glorioso QUINTA-FEIRA 00:00 - Mãe Maria 00:10 - Palavra de Vida Eterna 00:15 - De Mãos Dadas 01:15 - Conversa com Meu Povo 01:45 - Palavra de Vida Eterna 01:50 - Mãe Maria 02:00 - Igreja que Sofre 02:30 - Conversa com Meu Povo 03:00 - Encantos da Amazônia 04:00 - Pensando Bem 05:00 - vTelecurso Ensino Médio 05:30 - Telecurso Espanhol 05:45 - Em Família 05:55 - Terço Luminoso 06:25 - Conversa com Meu Povo 06:55 - Preparando a Festa 07:00 - Santa Missa Mantinal 08:00 - Conversa com Meu Povo 08:30 - Mãe Maria 08:40 - Mulher.com 11:10 - Desenho 12:00 - Nazaré Notícias 12:50 - Palavra de Vida Eterna 12:55 - Fazendo Esperança 13:25 - Caminhando Na Fé 13:40 - Sal da Terra 13:55 - Igreja que Sofre 14:25 - Palavra de Vida Eterna 14:30 - Terço Doloroso 15:00 - Missa Família Nazaré 16:00 - Telecurso Ensino Médio 16:30 - Conversa com Meu Povo 17:00 - Palavra de Vida Eterna 17:05 - Terra Santa News 17:25 - Terço Luminoso 17:55 - Preparando a Festa 18:00 - Santa Missa Vespertina 19:00 - Nazaré Notícias 19:50 - Sal da Terra 20:05 - bConversa com Meu Povo 20:35 - Comunidade Viva 20:55 - Em Família 21:05 - Diálogo Aberto 22:05 - Nazaré Notícias 22:55 - Palavra de Vida Eterna 23:00 - Conversa com Meu Povo 23:30 - Terço Luminoso


10

Santa Missa

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

1º Caderno

Horários de Missas nas paróquias da Arquidiocese de Belém REGIÃO EPISCOPAL SANT’ANA Nossa Senhora da Graça (Catedral) Cidade Velha - Belém Sábado: 19h, Domingo: 7h, 9h e 19h Telefone: 2121-3723/ 2121-3724 N. Sra. das Mercês (Reitoria) Comércio - Belém Sábado: 12h e 17h, Domingo: 12h e 17h Sant'Ana da Campina Comércio - Belém Sábado: 12h (Igreja Matriz) Domingo: 7h (Col. D. Bosco) 9h (Igreja Matriz) Telefone: 3230-3734 São Judas Tadeu Condor - Belém Sábado: 19h. Domingo: 7h, 9h e 19h Telefone: 3115-6020 Santa Teresinha do Menino Jesus Jurunas - Belém Sábado: 6h e 18h30 Domingo: 6h30, 8h30 e 18h Telefone: 3272-2251

(Basílica Santuário) Nazaré - Belém Sábado: 7h, 8h30,12h,17h Domingo: 6h30, 8h, 10h, 16h30, 18h e 20h Telefone: 4009-8400 São Francisco de Assis (Capuchinhos) São Brás - Belém Sábado: 19h30 Domingo: 6h, 7h30, 9h30,18h, 20h Telefone: 3073-1500 Santo Antônio do Tucunduba Guamá - Belém Sábado: 19h30 Domingo: 7h e 19h30 Telefone: 3274 -9001 REGIÃO EPISCOPAL SANTA CRUZ Imaculada Conceição Castanheira - Belém Sábado: 17h. Domingo: 7h e 19h Telefone: 3277-4642/98111-8110 São Sebastião Sacramenta - Belém Sábado e domingo: 7h, 17h e 19h Telefone: 3264-9060/3254-7354

Santo Antônio de Lisboa Batista Campos - Belém Sábado: 6h30, 12h, 17h e 18h30 Domingo: 8h, 11h, 17h, 18h30 e 20h Telefone: 3215-7004/ 3222-0097

Jesus Ressuscitado Marambaia - Belém Sábado: 18h Domingo: 7h, 10h e 18h Telefone: 3277-4643

Santíssima Trindade Campina - Belém Sábado: 16h,Domingo: 7h, 10h, 11h30, 17h e 19h Telefone: 3215-7007/ 3242-4917

São Geraldo Magela Val de Cans - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h30, 11h e 18h Telefone: 3257-7950

Nossa Senhora da Conceição Cidade Velha - Belém Sábado: 18h30, Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3215-7006

N. Sra do Perpétuo Socorro Telégrafo - Seg. a sábado: missa - 19h Domingo: missa: 7h, 8h30, 17h30 e 19 h - Telefone: 3233 1797

São José Umarizal - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 11h e 19h Telefone: 3230-1633 Santa Luzia Jurunas - Belém De terça a sexta-feira: 19h Sábado: 18h30 Domingo: 7h; 9h; 18h30 Telefone: 3271-2146 Nossa Senhora de Lourdes Nazaré - Belém Seg a Sáb: 6h30 e 18h Domingo: 7h, 9h, 17h30 e 19h30 Telefone: 3223-5728 Nossa Senhora do Carmo Cidade Velha Sábado: 18h - Domingo: 7h REGIÃO EPISCOPAL SANTA MARIA GORETTI Santa Maria de Belém Terra Firme - Belém Terça: 19h Sábado: 19h - Domingo: 7h30 e 19h Telefone: 3253-5422 São Pedro e São Paulo Guamá - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 18h30 Telefone: 3283-6021/3259-0413 São José de Queluz Canudos - Belém Segunda a sábado: 6h30 e 19h Domingo: 7h, 10h, 17h e 19h Telefone: 3226-2612 São Domingos de Gusmão Terra Firme - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 19h30 Telefone: 3253-2656/3274-4746 São Miguel Arcanjo Cremação - Belém Sábado: 18h30 Domingo: 7h30, 11h e 18h30 Telefone: 3283-6022 Nossa Senhora de Fátima Fátima - Belém Sábado: 17h30 Domingo: 6h45, 8h30, 17h30 e 19h30 Telefone: 3266-1392/3226-0503 Santa Maria Goretti Guamá - Belém Domingo: 9h30 e 18h Telefone: 3283-6023 Nossa Senhora de Nazaré

São Jorge Marambaia - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h, 17h e19h Telefone: 3277-4641 São Raimundo Nonato Umarizal - Belém Sábado: 6h30 e 18h Domingo: 6h30, 8h30 e 18h Telefone: 3277-4644 Santa Cruz Marco - Belém Sábado: 18h30 Domingo: 7h, 9h, 11h e 18h30 Telefone: 3277-4640/3276-0941 Nossa Senhora da Conceição Aparecida Pedreira - Belém Terça a Sábado: 18h Dom.: 7h, 9h e 18h/1ª Sexta-mês: 9h Telefone: 3233-4224/3276-9573 São Francisco Xavier Marco - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3352-8845 N. Senhora, Mãe da Divina Providência Val de Cans - Belém Sábado:19h - Domingo: 7h e 19h Telefone: 3257-2388 Sagrada Família Curió Utinga - Belém. Sábado: 7h e 19h30 Domingo: 7h, 9h e 19h30 São João Paulo II Souza - Belém De terça a sábado: 18h Domingos: 8h e 18h Telefone: 3277-4062 Nossa Senhora de Loreto Marco - Belém Telefone: (91) 3355-6302 Sábado: 17h Domingo: 7h, 9h, 11h, 17h e 19h

São Francisco de Assis Tapanã - Belém Domingo: 7h e 18h30 Telefone: 3258-8036 Nossa Senhora de Fátima Icoaraci - Belém Terça, quinta e sexta: 18h30 Sábado: 19h - Domingo: 19h Telefone: 3297-7251 Jesus Bom Samaritano Tapanã - Belém Domingo: 7h30 e 19h30 Telefone: 3033-2004 São Francisco das Ilhas Cotijuba - Belém Terça e quinta: 19h30 Sábado: 19h30 Domingo: 7h e 19h30 Telefone: 3247-1438 Nossa Senhora da Imaculada Conceição Outeiro - Belém Terça e quinta: 19h; Sábado: 9h Domingo: 7h e 18h Telefone: 3267-1174 Nossa Senhora do Livramento Icoraci - Belém Terça, quinta, sexta e sábado:19h Domingo: 7h e18h Telefone: 3288-4250 Divina Misericórdia Águas Negras - Icoaraci Terça a sexta: 18h30 Sábado: 17h e 19h30 (comunidade) Domingo: 7h e 19h 30 Santo Afonso de Ligório Pratinha - Belém Sábado: 19h Domingo: 8h30 e19h Telefone: 3258-1554/3274-8281 São Francisco de Assis Campina - Icoaraci Domingo: 7h, 9h e 18h30 De terça-feira a sexta-feira: 19h Telefone: 3297-0765 REGIÃO EPISCOPAL CORAÇÃO EUCARÍSTICO DE JESUS Coração Eucarístico de Jesus Catalina - Belém Sábado: 18h Domingo: 7h, 10h e 18h Telefone: (91) 3285-1433

Domingo: 9h e 11h Telefone: 98292-9199

N. Senhora Auxiliadora Anita Gerosa (Aurá) - Ananindeua Domingo: 7h e 18h Telefones: 3255-3828

Santíssimo Sacramento Nova União - Marituba Sábado: 18h30 (Capela N. Sra. do Perpétuo Socorro) Domingo: 18h30 (Capela S. Francisco de Assis)

N. Senhora das Vitórias Almir Gabriel - Marituba Sábado: 19h Domingo: 7h, 19h Telefone: 3292-0013 Sagrado Coração de Jesus Júlia Seffer - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h30, 9h e18h Telefone: 3265-5413 Sagrado Coração de Jesus Distrito Industrial - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h, 8h30 e 17h30 Telefone: (91) 98855 - 2232

Santa Luzia do Bom Futuro Cabanagem - Belém Sábado: 17h - Domingo: 7h e 19h São José de Anchieta Alameda Ns-13, 65 - Coqueiro Sexta - 7h30 Domingo - 7h; 18h Santa Teresinha do Menino Jesus Tenoné - Belém Domingo: 7h e 18h Telefone: 3289-5368

REGIÃO EPISCOPAL SÃO JOÃO BATISTA

Nossa Senhora de Lourdes Coqueiro - Ananindeua Sábado: 17h. Domingo: 7h e 19h Telefone: 3275-2391 Arcanjo São Miguel Una - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h30. 9h30 e 19h Telefone: 3234-4674

Santo Inácio de Loyola Icui Guajará - Ananindeua Domingo: 7h e18h Telefone: 991541971

Santa Maria Mãe de Deus Maguari - Ananindeua Terça, quarta, sexta e sábado: 7h Quinta: 19h; Domingo: 7h e 19h Fone: (91) 3255-5284

N. Sra. de Nazaré Marituba - Quarta - feira Horário de Missa: às 19h Domingos: às 8h30 Telefone: 98040-5117 /98102 - 7344 N. Sra. das Graças Centro - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h e 19h Telefone: 3255-2654 N. Sra. do Ó Vila - Mosqueiro Sábado: 19h30 Domingo: 6h30, 9h30 e 19h30 Telefone: (91) 3771-1278 São Pio X Águas Lindas - Ananindeua Domingo: 7h30 e 19h30 Telefone: 32155-2583

Bom Pastor Nova Marituba - Marituba Segunda a Sexta: 18h Sábado: 6h, 9h30 e 19h Domingo: 6h, 9h30 e 19h Telefone: 4106-0202

Natividade de Nosso Senhor Jesus Cristo Conjunto Sideral - Belém Domingo: 7h, 9h e18h Telefone: 3067-2017

Divino Espírito Santo Cidade Nova - Ananindeua Sábado: 7h. Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3263-0603

Menino Deus Centro - Marituba Domingo: 6h, 8h30 e 18h Telefone: 3237-8351

Santa Edwiges Mangueirão - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h30 e18h Telefone: 3279-1654

Nossa Senhora do Bom Remédio Conjunto Satélite - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 19h Telefone: 3248 0515

Cristo Rei Guanabara - Ananindeua Domingo: 7h, 9h30 e 19h Telefone: 3235-1405

São Lucas Evangelista Guajará - Ananindeua Quinta : 7h e 18h30. Sexta: 18h30 Sábado: 9h e18h30. Domingo: 7h, 17h e 19h Telefone: 3353-0364

Santa Rosa de Lima Independente - Benevides Terça a Sexta:18h, Sábado:17h, 19h Domingo: 07h30 e 19h Telefone: (91)3724- 1135

N. Senhora Rainha da Paz Bengui - Belém Domingo: 7h, 9h e 18h30 Telefone: 3277-4645

REGIÃO EPISCOPAL SÃO VICENTE DE PAULO

Paróquia Nossa Senhora do Carmo Benevides Sábado - 19h Domingo - 8h e 19h Telefone: (91) 3724-1098

Santo Antônio de Pádua Rod. Mário Covas - Coqueiro, Ananindeua Sábado: 19h. Domingo: 7h e 18h Telefone: 98152-2200

São Benedito Rua São Benedito, Barreiro Terça a sexta-feira - 19h Sábado - 8h (missa com crianças) Domingos - 7h30 e 18h30

São João Batista e Nossa Senhora das Graças Icoaraci - Belém Terça a sexta: 6h30 Sábado: 6h30, 17h, 20h Domingo: 7h e 18h Telefone: 3297-7250

REGIÃO EPISCOPAL MENINO DEUS

N. Sra da Conceição Praça Matriz - Benfica Domingo: 6h15 e 19h30 Telefone: 3450-8147 N. Sra da Conceição Carananduba - Mosqueiro Ter a Sex: 18h30 Sábado: 18h30 Domingo: 7h e 19h Telefone: 3772-1183 Santa Bárbara Centro - Santa Bárbara Domingo: 7h30 e 19h Telefone: 3776-1529 São Marcos Uriboca - Marituba Terça: 19h. Domingo: 7h e 19h Telefone: 3237-8351 Pedro Pescador Baía do Sol - Mosqueiro Ter a sexta: 19h (Igreja S. Sebastião) Quarta: Matriz - 19h Sábado:19h (Igreja São Sebastião) Domingo: 8h (Ig. S. Sebastião); 10 h 3 0 ( I g . D i v. E s p . S a n t o ) ; 19h ( Matriz) Telefone: 99919-4153 Área Missionária São Paulo, Apóstolo Rodovia BR-316

Santa Teresinha Águas Lindas - Ananindeua Domingo: 7h30 e 18h Telefone: 9916-4548/99169-3443 N. Senhora de Guadalupe Coqueiro - Ananindeua Terça a sexta: 19h Sábado: 18h30 Domingo: 7h ,9h e18h Telefone: 3245-7440 Cristo Peregrino Jaderlândia - Ananindeua De Segunda a Sábado: 19h e 20h Domingo: 7h, 8h30 e19h Telefone: 3237-9891 Santa Paula Frassinetti Cidade Nova VI - Ananindeua Segunda e quarta: 18h30 Terça e quinta: 19h30 Sexta: 7h. Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h, 18h Telefone: 3279-2620 Transfiguração do Senhor Curuçambá - Ananindeua Sábado: 18h30 e 20h Domingo: 7h e 18h30 Telefone: 3286-8570 Santa Rita de Cássia Cidade Nova V - Ananindeua. Sábado: 6h30 e 17h30 Domingo: 6h30, 8h30, 7h30 e 19h30. Telefone: 3273-3191/ 3273-3310 Paróquia Santíssimo Redentor Icuí-Guajará - Ananindeua Sábado: 19h30 - Igreja Matriz Domingo: 7h - Igreja Matriz 9h - Comunidade Santo Afonso 17h - Igreja Matriz 19h - Comunidade Cristo Rei São Vicente de Paulo Paar - Ananindeua Domingo: 7h, 8h30 e 19h São José Operário Conj. Carnaúba, Icuí - Ananindeua Domingo: 7h e 18h Telefone: 3295-3545/3031-1172 Nossa Senhora do Amparo Cidade Nova 8 - Ananindeua Terça a Sexta: 19h - Sábado: 19h30 Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3287-2418 Santo André Apóstolo Coqueiro - Ananindeua Segunda a sexta - 19h Sábado: 19h45 - Domingo: 8h 19h Telefone: (91) 3235-1658

Não encontrou o horário das missas da sua paróquia aqui? Entre em contato com seu pároco ou com a secretaria da sua paróquia e solicite que nos informem para podermos publicar.


Família Nazaré 11 Programa "De mãos dadas" no rádio

1º Caderno

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Campanha em atenção à Família Nazaré. Sexta-feira, 1, terá sorteio de uma imagem.

M

ais um dia especial ocorreu na Fundação Nazaré de Comunicação na quarta-feira, 27. Foi mais uma edição do programa especial "De mão dadas", na Rádio Nazaré FM, 91.3 Mhz, coordenado por Elyvane Barbosa. A programação tem o objetivo de fortalecer a Família Nazaré, e intensificar captações de doações que auxiliam a Fundação Nazaré a manter o trabalho desenvolvido pelos meios de comunicação arquidiocesanos: jornal, rádio, televisão e a internet O programa "De mãos dadas" especial iniciou com a Santa Missa no próprio estúdio da emissora, presidida pelo padre Nilton Cezar Reis, apresentador do programa "Igreja - Ponto a ponto". A Missa foi transmitida ao vivo pela Rede

Nazaré de Televisão pelo canal 30.1, rádio, Portal Nazaré e redes sociais da Fundação Nazaré. Após a Missa, padre Nilton seguiu no programa com a voluntária Vera Sampaio, e o Diretor Administrativo e Financeiro da Fundação, Marcos Aurélio de Oliveira. Elyvane Barbosa e Marcos Valério Reis, coordenador da TV Nazaré revezando-se no atendimento aos ouvintes. À tarde, a programação seguiu com Jota Cardoso e Romildo Rosa. Às 15h houve pausa para o Terço da Misericórdia com a participação de ouvintes. O programa encerrou às 18h. CAMPANHA - A Rádio Nazaré realiza o “De mãos dadas”, como uma ação especial de mobilização em favor dos veículos de comunicação da Arquidiocese de Be-

LUIZ ESTUMANO

w ESPECIAL ocorreu na Rádio Nazaré FM na quarta-feira, dia 27

lém e, assim, garantir a propagação da evangelização feita na Igreja particular da Amazônia. É imprescindível a colaboração de toda pessoa de boa vontade. Quem já faz parte da FamiliaNazare pode contribuir com algo mais.

Caso possa ajudar, conheça também a campnha Seja +Um e faça parte desta família abençoada que existe para ajudar a Igreja de Belém a seguir evanglizando. MISSA PELA FAMÍLIA NAZARÉ

- Toda primeira sexta-feira de cada mês, o sócio evangelizador da Família Nazaré tem um compromisso marcado: a Missa em Ação de Graças pelos benfeitores. A Missa será na sexta-feira, 1º de março, às 15h, na Capela da Fun-

dação Nazaré de Comunicação, na avenida Governador José Malcher, Edifício Paulo VI, no bairro de Nazaré, em Belém. A partir das 14h30 inicia o Santo Terço, conduzido pelo Movimento Arquidiocesano do Terço dos Homens. A celebração terá a participação da Paróquia São José, do Umarizal, e será presidida pelo cônego Sebastião Fialho, pároco na Matriz São José. Colabore. Participe do sorteio de uma Imagem de Nossa Senhora de Nazaré no dia 1º, às 18h. Recorte a Preencha a ficha abaixo, entregue da Fundação Nazaré, efetive seu cadastro e sua contribuição, tire uma foto do comprovante de pagamento e envie para o WhatsApp da Rádio Nazaré FM: (91) 988140275. Seja mais um!

CAMPANHA SEJA MAIS UM - Colabore com a obra de evangelização da Arquidiocese sendo mais um benfeitor da Fundação Nazaré de Comunicação. O cadastro pode ser feito pessoalmente na sede da Fundação, situada na avenida José Malcher, nº 915 – Edifício Paulo VI, Nazaré, de segunda a sábado, das 7h às 19h. Ou pelos sites oficiais (www.sejamaisum.com), (www.fundacaonazare.com.br), ou pelo telefone (91) 4006-9211. Se preferir entrar em contato por e-mail, envie mensagem para famjor@fundacaonazare. com.br e faleconosco@fundacaonazare.com.br

Parabéns para você!

A

gradeço a Deus pelos meus 74 anos e por todas as bênçãos que tive graças a Ele. Neste meu aniversário gostaria de pedir pela paz no mundo e pela saúde da minha família. ESTEFÂNIA CHAGAS NEYRÃO

aposentada 74 anos, 02/03 01/03 Adna Neirão Reymão Carmen Lúcia dos Santos Sampaio Francisca de Souza Hirata Laís do Valle Corrêa Maria Cléa da Silva Maria da Graça Pamplona Barros Maria das Graças Salimos Bittencourt Maria de Nazaré Cardoso Amaral Maria Lúcia Brito Santa Brígida Maria Lúcia dos Santos Batista Raimundo de Mendonça Ribeiro Alves Rosenda Silva Zuleide Aires dos Santos 02/03 Dolores de Castro Souza Estefania Chagas Neyrão Everton Antônio Soares da Silva Joana Marques Chaves Josefa Andrade de Souza

Luiz Cláudio Braga Cavalcante Maria Eliana Rocha Maria Renée Costa dos Reis Raimundo Alves de Sousa Ricardo Coutinho Martins Silvia Teixeira Pereira Terezinha Rodrigues Candeira Zebina Costa dos Santos 03/03 Ana Maria Dantas de Carvalho Cleonice Fernandes Oliveira Eliana Farias de Moraes Everaldo Pedro Lobato de Moraes Francisca Fortunata Favacho dos Santos José Pantoja dos Prazeres Luciane Solon de Souza Márcia Maria Dantas de Carvalho Maria da Conceição Barros Lobato Maria de Jesus Cordeiro Bentes Maria do Rosário Cavalcante Carvalho Lourenço Maria Rosalina Faria Gonçalves Raimunda de Castro Alvarenga Raimunda do Vale Lucas 04/03 Antônio Marcos Costa de Freitas Elder Anderson Santos Sousa Eudócia Sales de Lima Francisca Silbene Cunha da Silva Giorge Simonet Júnior Leonilde dos Santos Rosa Maria Cilda Moreira Maués Maria de Guadalupe Leal Bittencourt

Maria Helena Duarte Brito Rita de Cássia Guerreiro Martins Rosalice Bordalo Pantoja Zuleide Nascimento de Souza 05/03 Albélia Evanovich dos Santos Hélia Lima Lopes Rabelo Magnólia da Silva de Souza Márcia Maria Augusta Moraes Neuza Santiago da Silva Vanessa Pereira de Souza Chagas 06/03 Alexandre da Costa Linhares Ana Marta Costa Elarrat Antônio Raiol Ferreira Cleiton Almeida de Souza Edna Maria Fonseca da Cruz Gilson Rufino Gonçalves Filho w

João Roberto Pinheiro dos Santos José Carlos da Silva Barrosso Maria Franciscleuma Coutinho de Araújo Maria Izabel de Souza Melo Maria José Santos Nunes Maria Lúcia Lopes Barreto Renilda das Graças Bezerra Falcão 07/03 Alda Maria de Pinho Couto Álvaro Alves da Cruz Alyssangela Souza Palmerim Ana Maria Vilhena Machado Carlos Alberto Siqueira Edinalva Barroso da Silva Nery Maria José Simões Maria Luiza Teixeira Alves Valdenora Santiago da Gama Yolanda Moreira de Oliveira

Aniversário natalício de padres e diáconos diocesanos 03/03 - Diác. Manoel Arthur Siqueira Monteiro 04/03 - Côn. José Luiz Alves Fernandes 04/03 - Diác. Pasqualino Santos Vaz Vigliante 06/03 - Diác. Gilson Rufino Gonçalves Filho

w

Aniversário de ordenação dos padres e diáconos diocesanos 07/03 - Diác. Manoel Gomes da Silva

AJUDE A MANTER A FUNDAÇÃO NAZARÉ DE COMUNICAÇÃO. LIGUE PARA 4006-9200 E SEJA SÓCIO DA FAMÍLIA NAZARÉ.


1º Caderno Arquidiocese Igreja prepara-se para a Quaresma 12

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Arquidiocese de Belém divulga programação para o período quaresmal

O

Papa Francisco estará na Quarta-feira de Cinzas, dia 6, às 16h, (12h de Brasília) no Aventino, com a tradicional Statio e a procissão penitencial da Igreja de Sant’Anselmo até a Basílica de Santa Sabina, onde celebrará a Santa Missa, com a bênção e a imposição das Cinzas. O Vaticano divulgou terça-feira, 26 de fevereiro, a mensagem do Papa Francisco para os cristãos refletirem e bem viverem a Quaresma. Jejum, oração e esmola, estes são os três eixos para se preparar adequadamente para a Semana Santa, segundo sublinha o Papa Francisco em sua mensagem quaresmal.

O Santo Padre destaca que “o mistério de salvação, já operante em nós durante a vida terrena, é um processo dinâmico que abrange também a história e toda a criação”. A partir deste ponto de vista, faz uma reflexão sobre três pontos que acompanham o caminho de conversão na Quaresma. EM BELÉM

Arquidiocese de Belém divulga a programação de parte de suas paróquias para o início da Quarema. Confira: - Paróquia Menino Deus - Marituba: 7h e 18h30 - Santa Teresinha - Jurunas: 6h30 18h 20h - Paróquia Nossa Se-

bara: 7h30 - Paróquia da Santa Cruz: 7h e 19h - Paróquia São Sebastião: 7h e 19h - Paróquia Nossa Senhora de Lourdes: 19h na Matriz; e 19h na Co-

- Instituto Bom Pastor: Missa às 10h30 na Igreja do Rosário; e Missa às 17h30 - Hospital Beneficente Portuguesa - Paróquia Santa Maria Goretti: 19h

- Paróquia de São Francisco Xavier: 19h - Paróquia Nossa Senhora Imaculada Conceição - Outeiro: 19h30 - Paróquia Nossa Senhora da Conceição- Cidade-Velha: 19h - Paróquia São Sebastião: 7h e 19h. - Paróquia da Natividade de Nosso Senhor Jesus Cristo: 7h e 19h30 - Paróquia Santa Bárbara: 7h30 e 19h30 - Paróquia Santa Rita de Cássia: 7h e 19h - Paróquia Santíssimo Redentor: 19h - Paróquia São José de Anchieta: 7h e 19h - Paróquia São Miguel Arcanjo (Cremação): 19h - Paróquia São João Batista e Nossa Senhora das Graças: 7h e 18h - Paróquia Sagrado Coração de Jesus - Julia Seffer: 18h - Paróquia Santa Maria Mãe de Deus: 7h e 19 h

lestra sobre “O Amor de Deus”. No turno da tarde haverá gincana missionária com diversas atividades recreativas. Durante o ECRIAC as crianças e adolescentes realizarão oficinas, com temas variados, entre eles: Jornada Nacional da IAM, Redes Sociais,

Campanha da Fraternidade e Maria, Exemplo de Fé. Para animar, dentro da programação será realizado um baile de carnaval. Na terçafeira, 5, a programação constará de Terço Missionário, Espiritualidade Missionária, avaliação e Santa Missa.

munidade Nossa Senhora Aparecida

nhora do Amparo: 7h e 19h na Matriz; e Missa às 19h na Comunidade São José - Paróquia de São Raimundo Nonato: 6h30 e 19h - Paróquia Nossa Senhora de Fátima - Bairro de Fátima: 7h e 18h30 - Paróquia Santa Rosa de Lima: 7h e 19h - Paróquia Nossa Senhora do Ó - Mosqueiro: 18h30 - Paróquia Nossa Senhora da ConceiçãoMosqueiro : 19h - Paróquia Imaculada

Conceição - Castanheira: 19h - Paróquia São Pedro e São Paulo: 19h - Paróquia Mãe da Divina Providência: 19h - Paróquia São José Operário: Missa às 7h na capelaAscensão do Senhor; e Missa às 19h na Matriz - Paróquia São Lucas Evangelista: 7h e às 19h - Paróquia Santo André Apóstolo: 19h - Paróquia Nossa Senhora das Graças – Ananindeua: 8h e 19h - Paróquia Santa Bár-

- Paróquia de Santa Luzia-Jurunas: 19h - Capelania Militar da Aeronáutica: 19h na Capela Nossa Senhora do Loreto (avenida Almirante Barroso); e Missa às 18h e 20h na Paróquia Nossa Senhora do Loreto (avenida Dr. Alferes Costa)

- Paróquia Santa Paula Frassinetti: Missa às 8h e 19h na Matriz; e Missa às 18h na Comunidade São Francisco de Assis

Encontro de Crianças e Adolescentes De 2 a 5 de março, na Escola Maria Emilia Antunes, no Distrito Industrial, Ananindeua, acontece a terceira edição do Encontro de Crianças e Adolescentes com Cristo, o ECRIAC, promovido em nível arquidiocesano pela primeira vez pela Infância e Adolescência Missionária (Iam) da Arquidiocese de Belém e do Regional Norte II (Pará e Amapá). Organização estima participação de 100 jovens entre 7 e 14 anos. O ECRIAC é um encontro fundamentado nos seis passos do querigma, tendo em vista uma preparação das crianças e adolescentes, entre 7 a 14 anos,

para as jornadas missionárias que serão realizadas durante o ano. De acordo com Marcos Rafael, coordenador da IAM do Regional N2, o encontro teve início em 2017 com uma experiência em nível de região episcopal, tendo sido escolhida a de Menino Deus. A primeira edição reuniu 110 participantes entre crianças, adolescentes e assessores maiores de 16 anos, e em 2018 realizou-se com 130 participantes, também em Menino Deus: “Esse ano resolvemos fazer para toda a Arquidiocese de Belém, mais com um número mais reduzido. A nossa expectativa é de

um pouco menos de 100 participantes esse ano”. Como dito anteriormente, o ECRIAC é fundamentado nos seis passos do querigma que são: o Amor de Deus; o Pecado; a salvação ganha por Jesus; Fé e Conversão; o Espírito Santo e, por último, comunidade. Para Marcos é salutar que os jovens participem de programações saudáveis como esta: “A importância do ECRAIC está na condução dessas crianças e adolescentes para um encontro pessoal com Cristo, com momentos de adoração, partilhas, brincadeiras e formação sobre cada passo do querigma. O ECRIAC tam-

eu indico

E

u indico o livro “Nos passos de São Francisco de Assis”, do autor Luiz Alexandre Solano Rossi. O livro conta a história de São Francisco, um dos santos que sacudiu e transformou como ninguém, a religião, a civilização e a sociedade. Ele foi escolhido por Deus para re-

BRUNO FERREIRA LAUNE,

estudante 18 anos

bém tem em vista uma preparação para o trabalho missionário durante o ano para que nas evangelizações possam transmitir tudo o que aprenderam para partilhar com as outras crianças, e lugares onde estiverem, principalmente na sua família.” A programação tem início neste sábado, 2, às 16h, com credenciamento e acolhida dos participantes. À noite, às 19h, será servido e jantar para, ao final, as crianças serem encaminhadas para as famílias que estarão hospedadas nos dias de encontro. O domingo, 3, constará de celebração eucarística, às 7h, e da primeira pa-

BOA DICA

LIVROS E CD'S

tornar ao Evangelho da pobreza, da fraternidade e da paz. Mas ele não se via como alguém especial: caminhava pela fé, com um sorriso no rosto e olhos fixos em Deus. O livro traz também trinta meditações para trilhar durante um mês. Recomendo!

n MILAGRES NA BÍBLIA - Livro (Paulus, R$18,00)

n LOUVORES À RAINHA DO CÉU - Coletânea, CD (Paulinas, R$11,80)

E

É

ste livro é um conjunto de seis artigos que refletem sobre os milagres, tal como aparecem na Bíblia e em outros textos sagrados. O objetivo é mostrar como o assunto é tratado nesses textos, o que esses textos procuravam revelar, quais os possíveis significados de cada milagre, e qual foi a terminologia usada e as informações apresentadas em cada escrito.

um EP com seis faixas com um enfoque particular em canções com o tema da oração da Salve Rainha. Salve Rainha, Mãe de Misericórdia! A vós cantamos nossos louvores. Porque sois nossa vida, doçura e esperança. E sob vossos olhos misericordiosos nossa vida está abrigada. Levai-nos a Jesus! Vós que sois clemente e piedosa. Ó sempre doce Virgem Maria!


Caderno Dois

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

FOTOS: LUIZ ESTUMANO

w PADRORIRA da Arquidiocese, imagem de Santa Maria de Belém

w MISSIONÁRIOS conduzem simbólica barca para local da Missa

Arquidiocese abre Ano Jubilar pelos 300 anos de criação da Diocese de Belém do Pará Núncio Apóstólico no Brasil, Dom Giovanni D´Aniello, presidiu Missa solene

P

erante uma assembleia formada pelo povo de Deus, o Núncio Apostólico do Brasil, Dom Giovanni D’Aniello, presidiu a Santa Missa solene pela comunhão e Ação de Graças a Deus pelos 300 anos de criação da Diocese de Belém do Pará, atual Arquidiocese de Belém. A Eucaristia foi concelebrada pelos Bispos da Arquidiocese do Pará, Amapá e Maranhão, na celebração que marcou o início das comemorações pelos tricentenário da missão de evangelização na Amazônia. A cerimônia ocorreu na sexta-feira, 22 de fevereiro, e contou com a

participação do clero arquidiocesano, de religiosos e religiosas, das comunidades de vida consagrada, pastorais, movimentos, além de inúmeras caravanas com paroquianos oriundos das 91 paróquias da Arquidiocese. As celebrações do Ano Jubilar (20192020) comemoram todo o empenho da Arquidiocese de Belém para manter viva e edificante a missionariedade da quinta arquidiocese mais antiga do Brasil. A celebração jubilar está centrada no tema “Anunciando o Evangelho de Jesus Cristo na Amazônia” e o lema “Ide e anunciai” (Mc 16,15).

w MISSA solene prestigiada pelo povo de Deus no ginásio Mangueirinho

Memorial dos três séculos de Missão

w MIISSA foi presidida por Dom Giovanni D´Aniello

Igreja missionária A criação de paróquias e a instalação de áreas missionárias, assim como a Ordenação de novos sacerdotes e as visitas pastorais à Região Episcopal que ocorrerão de março

a agosto são parte da programação para as celebrações pelo Ano Jubilar, adianta a Arquidiocese de Belém. São atos de cunho missionário que reforçarão a identidade

missionária na evangelização da Arquidiocese de Belém, em conformidade com o projeto pastoral indicado pelo Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa.

A criação da Diocese de Santa Maria de Belém do Grão Pará ocorreu no dia 4 de março de 1719. Mas em função da folia momesca, a festa pelo solene aniversário foi antecipada pela Arquidiocese de Belém, cuja celebração ocorreu no dia 22 de w CÔN. Cláudio Barradas relata histórico trisecular fevereiro. A trajetória trisecular cortada pela participaA Igreja Católica surda Igreja de Belém foi ção dos fiéis presentes giu em Belém com a demarcada pela histó- no Mangueirinho, ele chegada dos primeiros rica participação do cô- fez uma síntese da ca- missionários jesuítas que nego Cláudio de Souza minhada da Igreja par- construíram no Forte do Barradas, integrante do ticular da Amazônia, Presépio a Catedral de Cabido Metropolitano saudando a todos pela Santa Maria de Belém, de Belém. Utilizando- chegada dos 300 anos a primeira igreja católise de narrativa entre- de evangelização. co da região.

CRIAÇÃO DA DIOCESE Através da Bula ‘Copiosus in Misericórdia’, o Papa Clemente XI criou a Diocese de Belém, desmembrada da então Diocese do Maranhão, a pedido de Dom João V de Portugal, com o nome de Diocese

de Santa Maria de Belém do Grão Pará, a quinta no Brasil. Ao longo dos 187 anos como Diocese, teve 13 Bispos e cinco Paróquias: Nossa Senhora da Graça (Catedral Metropolitana), Sant’Ana da

Campina, Nossa Senhora da Conceição (Benfica), Santíssima Trindade e Nossa Senhora de Nazaré do Desterro, hoje Basílica Santuário de Nazaré. Dela se originaram outras Prelazias, Dioceses

e Arquidioceses, como a de Manaus e a de Porto Velho. No dia 1° de maio de 1906, o Papa São Pio X, através da Bula ‘Sempiternum humani generis’, elevou a então Diocese à Arquidiocese e sede

Metropolitana. Dessa forma, as Dioceses do Amazonas, Piauí, Maranhão e a Prelazia de Santarém (hoje Diocese) deixaram de ser sufragâneas de Salvador da Bahia para o serem da Arquidiocese do Pará.


2

Igreja

2º Caderno

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Palavra de vida “Sede misericordiosos como vosso Pai é misericordioso.” (Lc 6,36)

De acordo com o relato de Lucas, Jesus, depois de anunciar aos seus discípulos as bemaventuranças, lançou o seu revolucionário convite de amar todo ser humano como a um irmão, até mesmo quando ele dá provas de ser um inimigo. Jesus sabe muito bem o porquê e nos explica: somos irmãos porque temos um único Pai, que sempre se interessa pelos seus filhos. Ele quer se comunicar conosco.Ele chama nossa atenção diante de nossas responsabilidades, mas ao mesmo tempo seu amor é um amor dedicado, que cura, que alimenta: uma atitude materna, cheia de compaixão e ternura. Essa é a misericórdia de Deus, que se dirige pessoalmente a cada criatura humana com todas as suas fragilidades. Ainda mais: Ele dá preferência a quem se encontra à margem do caminho, excluído e rejeitado. A misericórdia é um amor que plenifica o coração e depois transborda sobre os outros, sobre os vizinhos de casa tanto quanto sobre os estranhos, sobre a sociedade ao redor. Sendo filhos desse Deus, podemos nos assemelhar a Ele naquilo que o caracteriza:

Chiara Lubich DIVULGAÇÃO

o amor, a acolhida, a paciência de esperar pelo outro. “Sede misericordiosos como vosso Pai é misericordioso.”

Infelizmente na nossa vida pessoal e social respiramos uma atmosfera de crescente hostilidade e competição, de suspeita mútua, de julgamento sem apelação, de medo do outro; os rancores se acumulam e conduzem aos conflitos e às guerras. Como cristãos podemos dar um decidido testemunho contra corrente: podemos fazer um ato de liber- w MISERICÓRDIA de Deus é pessoal tação de nós mesmos e dos condicionamentos, e lhe assim a possibilidade de começar a reconstruir os la- curar a ferida. Mas, o que é o perdão? ços feridos ou rompidos na O perdão não é esquecifamília, no próprio trabalho, na comunidade paroquial, no mento (...), não é fraqueza, (...) não consiste em afirmar partido político. Se nós fizemos alguém que não tem importância sofrer, peçamos corajosa- aquilo que é grave, ou bom mente perdão e retomemos aquilo que é mau, (...) não é a caminhada. É um ato de indiferença. O perdão é um ato de vontade e de lucidez, grande dignidade. E se alguém nos tiver real- portanto de liberdade, que mente ofendido, procuremos consiste em acolher o irmão perdoá-lo, abrir-lhe um novo tal como ele é, apesar do mal espaço no coração, dando- que nos fez, assim como Deus

Ninguém consegue improvisar essa abertura do coração. É uma conquista diária, um crescimento constante na nossa identidade de filhos de Deus. É sobretudo um dom do Pai, que podemos e devemos pedir a Ele mesmo. “Sede misericordiosos como vosso Pai é misericordioso.”

Uma jovem das Filipinas conta:

Eu tinha apenas onze anos quando meu pai foi morto; mas não foi feita justiça porque éramos pobres. Quando chegou o momento de escolher a profissão, cursei Direito no desejo de buscar justiça pela morte de meu pai. Mas Deus tinha outro plano para mim: uma colega me convidou para um encontro de pessoas empenhadas seriamente em viver o Evangelho.

1) Cf. Rm 12,21 2) Cf. C. Lubich, Costruire sulla roccia, Città Nuova: Roma 19934, p. 56. 3) Cf. Mt 5,44; Lc 6,27.

05/03 - TERÇA-FEIRA São Teófilo da Cesaréia da Palestina - Bispo

A senhora Cao, casada com um agricultor severo que a maltratava, foi atraída pela fé católica dos missionários em seu país, mas só pôde ingressar definitivamente na missão após a morte do marido. Assumiu o nome de Agnes, do grego puro, casto. Pois gostou muito da história de Santa Agnes, Santa Inês para nós. Desempenhou com esmero a tarefa de difundir a doutrina católica em Xilinxian, cidade que ela mudara após a morte do marido. Foi, pois presa, torturada cruelmente, mas jubilava por estar passando por situação semelhante à de Santa Inês. Morreu em 1856.

Eusébio de Cesaréia, em sua obra: “História Eclesiástica V”, nos diz: É a época de Vitor I. Para chegar à data padrão da comemoração da Ressurreição do Senhor (nossa Páscoa Cristã), foram necessários muitos estudos. Um dos responsáveis para que a data não se confundisse com comemorações de outras religiões foi Teófilo (seu nome vem do grego: “Amigo de Deus”). Destacou-se pelo amor que demonstrou na defesa das tradições apostólicas em matéria litúrgica. Faleceu na Palestina em 195. 06/03 - QUARTA-FEIRA Santa Rosa de Viterbo - Virgem

02/03 - SÁBADO Beato Carlo, o Bom - Mártir

Tinha 20 anos, quando sentiu tanto ardor nas palavras de Francisco que largou imediatamente tudo para seguir o mestre. Depois de andar em muitas cidades evangelizando, voltou para Arezzo até sua morte. É atribuída a ele a recitação do Angelus, rezado as 6:00, 12:00 e 18:00hs. Na sua visita a Arezzo João Paulo II disse: “É sempre muito impressionante parar no meio do dia para um momento de oração a Maria, pois estamos no lugar onde, segundo a tradição, estabeleceu o costume de recitar o Angelus”.

LETIZIA MAGRI

(artpresent@superig.com.br)

01/03 - SEXTA-FEIRA Santa Agnes Cao Kuiying - Viúva e mártir

03/03 - 8º DOMINGO DO TEMPO COMUM Beato Bento Sinigardi de Arezzo - Franciscano

Então também eu comecei a viver assim. Um dia pedi a Jesus que me ensinasse a viver concretamente a sua palavra: “Amai os vossos inimigos”3, porque eu sentia que o ódio pelas pessoas que tinham assassinado meu pai ainda me dominava. No dia seguinte, no trabalho, encontrei o líder daquele grupo. Cumprimentei-o com um sorriso e lhe perguntei como estava a sua família. Essa saudação o deixou desconcertado; e eu, ainda mais desconcertada fiquei diante do que tinha acabado de fazer. O ódio dentro de mim estava se dissolvendo, transformando-se em amor. Mas aquilo tinha sido apenas o primeiro passo: o amor é criativo! Imaginei que cada membro do grupo deveria receber o nosso perdão. Fui procurar um por um, junto com meu irmão, para restabelecer o nosso relacionamento e testemunhar diante deles que Deus os ama! Um deles nos pediu perdão pelo que tinha feito, pedindo ainda orações para si e para sua família.

Diác. Benedito Otávio

Santos da semana

Um príncipe dinamarquês, filho do rei, também santo, Canuto IV. Obteve o título de conde de Flandes, Bélgica, ao lado de sua mãe. Seu reinado em terras belgas ficou marcado como tempos de paz de justiça, observando os pobres e fracos de seu reino, ganhando o carinho da população. Um certo dia um bando de malfeitores armados vieram fazer pilhagem e arruaça na cidade, Carlo foi tentar dialogar com eles e acabou morto pelo bando a golpes de espada, o ano era 1127. Subiu aos altares por Leão XIII oficialmente em 1882.

acolhe a nós, pecadores, apesar dos nossos defeitos. O perdão consiste em não revidar a ofensa com a ofensa, mas em fazer o que diz Paulo: “Não te deixes vencer pelo mal, mas vence o mal com o bem” 1.2

04/03 - SEGUNDA-FEIRA Beato Zoltán Lajos Meszlényi - Bispo e Mártir Da Hungria surge um grande cristão de fé sólida de berço, de formação filosófica, teológica e canonista. Tudo isso para enfrentar o terrível período comunista pós II Guerra Mundial. Aceitou ser bispo de uma região fervilhando o ódio pela Fé. Acabou preso e enviado ao campo de Kistarcsa em Budapeste, onde passou fome, trabalhos forçados, foi torturado e finalmente morto em 04/03/1951. Beatificado em 2009 na Basílica de Estergom, em missa presidida pelo cardeal Peter Erdö, primaz da Hungria.

Nasceu em Viterbo, Itália, 1234. Aos 12 anos, após receber a influência franciscana com as irmãs Clarissas, exortava a população de sua cidade a fazer penitência e a se manter fiel à Santa Igreja, sem dar ouvidos às heresias difundidas na época. Um exemplo a ser seguido, pois até hoje, como nunca, vivemos a fraqueza de fé por conta das muitas vozes hereges de fora da Igreja que berram e chamam atenção confundindo as mentes. Morreu em 6/03/1252, e seu corpo foi preservado da corrupção. 07/03 - QUINTA-FEIRA Santa Teresa Margaret do Sagrado Coração

Também de Arezzo, só que viveu entre 1747 a 1770. Estudante do mosteiro de Santa Apolônia, Florença, esta irmã foi tocada pelos escritos de Santa Teresa de Ávila, tomando assim, o hábito carmelita em 1765. E meditando a frase da 1ª carta de São João, 4, 16: “Deus é amor”, tentou viver guiada por este conceito. Dedicou-se a intensa oração e cuidado aos idosos. Mas Deus a chamou para completar esse amor no céu com apenas 23 anos, morrendo de peritonite. Seu corpo exalava suave perfume e se encontra incorrupto no mosteiro das Carmelitas em Florença. Canonizada por Pio XI em 1934.


Arquidiocese Retiros com Cristo iniciam na Arquidiocese de Belém

2º Caderno

A

Arquidiocese de Belém convida o povo de Deus para os retiros com Cristo. Abaixo, algumas sugestões e a agenda de missas dos Bispos. Dom Alberto celebra Missa do Encheivos na Paróquia São Raimundo Nonato, no dia 3, às 11h, e às 16h - “Aviva” - Cristo Alegria no Centur. Dia 4, às 10h, com os Focolares, no Centro

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Organizados pelas comunidades, retiros unem fiéis no fim de semana especial Mariápolis Glória) e 17h, no Enchei-vos (Paróquia Nossa Senhora do Bom

RENOVAI-VOS

A Comunidade Católica Maíra realiza de 2 a 5 o retiro “Renovai-vos”, com o tema “Eis que faço novas todas as coisas” (Ap 21, 5). A programação contará com muita animação, louvor, pregaBAILE FAMILIAR

Dia 2, a partir das 17h, a Paróquia Santa Maria, Mãe de Deus promove um baile no Centro de Evangelização Nossa Senhora das Graças, localizado na avenida Cláudio Saunders, 1670, bairro do Maguari, em Ananindeua/PA. Para celebrar a alegria em unidade com crianças, jovens, adultos e idosos no mesmo espaço, o baile busca privilegiar o encontro familiar. É o primeiro ano que a paróquia organiza o baile festivo com Cristo. Às 17h o evento inicia com brincadeiras, venda de lanche, animação, louvor, concurso de fantasias e sorteios de prêmios. A partir das 19h, programação adulta com bandas, danças e sorteio de brindes. É necessário adquirir cartões que dão direito ao consumo alimentício e aos sorteios. Interessados devem procurar a secretaria paroquial. MARIÁPOLIS

O Movimento dos Focolares promove de 2 a 5, a Mariápolis. Voltado às famílias e para participantes de todas as idades, o encontro com o tema “Nós: uma proposta, um desafio!” inicia sábado, 2, às 12h, com a Santa Missa, no Centro Mariápolis Glória, localizado na avenida Augusto

Remédio). Ele também presidirá Missa às 9h no Enchei-vos (Região São

ções, Santa Missa e adoração ao Santíssimo Sacramento, além Da presença do padre Anderson Marçal, da Canção Nova. O evento será Ginásio da UEPA (CCBS), situado na avenida Almirante Barroso. Entrada franca. Participe! Informações: (91) 3266-8624.

Meira Filho, 1000, Centro de Benevides/PA. O evento propõe a vivência do evangelho de Jesus, como Maria, pela convivência, espiritualidade, louvor, teatro, Santa Missa e momentos temáticos para as famílias e para os jovens, um cantinho especial para as crianças. Informações pelo número (91) 98895-2737 e inscrições pelo site www.centromariapolisgloria.org.br

todos os fiéis que queiram viver um fim de semana diferente e experimentar a verdadeira alegria que vem de Deus. Santo Terço, louvor, pregação, oração, adoração, Santa Missa, espaço Kerygma kids, sorteio de prêmios e de brindes e muita diversão é o que consta na programação. Participe! O even-

João Batista) e às 17h30, Missa no “RENASCER” No dia 6, às 9h, ele pre-

side coletiva da Campanha da Fraternidade na Cúria, e às 19h, Missa

RENASCER

A Comunidade Shalom Belém convida para o retiro “Renascer” de 3 a 5. Neste ano, o evento acontece em dois locais: Escola Madre Celeste, na Marambaia, e to será das 8h às 17h, na Paróquia São Francisco de Assis (Capuchinhos), situada na avenida Castelo Branco, 1541, bairro São Brás. Entrada franca. Informações: (91) 98156-1222. HYÓS

A Comunidade católica Nova Aliança pro-

move o “Hyós” de 2 a 4, destinado a jovens de 18 a 29 anos. O evento será realizado no Centro Arquidiocesano de Pastoral Juvenil (CAPJ)de Belém, localizado na Rua Leopoldo Teixeira, 24, bairro Levilândia, em Ananindeua/PA. Inscrições na comunidade, situada na rua Dr. Assis, 130, bairro

A Comunidade católica Cristo Alegria realiza de 3 a 5 o retiro ‘Cristo alegria: Aviva’ 2019 à luz do tema “Primeiro o reino” (Mt 6, 33). Na programação haverá muita animação louvor, teatro, pregações, a Santa Missa, adoração ao Santíssimo Sacramento, espaço kids para as crianças, etc. O encontro será no Centur, situado na avenida Gentil Bittencourt, esquina da travessa Rui Barbosa. Entrada franca. Participe! Informações: (91) 99150-7118.

De 3 a 5 a Comunidade Kerygma realiza o “Curados para amar no Carnaval, com o tema “Alegrai-vos sempre no Senhor”. O convite é para

ENCHEI-VOS!

As Regiões Episcopais Santa Cruz e Santana realizam o retiro “Enchei-vos!” de 3 a 5 sob o tema “Deus nos amou primeiro” (1Jo 4, 19b). O evento será das 8h às 17h30, na Paróquia São Raimun-

de quarta-feira de Cinzas na Catedral. Sábado, 2, às 11h, D. Irineu celebra na área Missionária São Paulo Apóstolo e às 18h, dentre outro. Dom Antônio celebrará Missa às 17h, na Paróquia São Domingos de Gusmão, na Terra Firme. Confira a agenda dos Bispos na página 4 do primeiro caderno deste jornal e aproveite!

no Colégio Intelectual, em Ananindeua. A programação envolve Missa, pregações, confissão, oração e aconselhamento, Renascer Kids e muito mais. Entrada gratuita. Prestigie! Informações: (91) 3353-9956.

CRISTO ALEGRIA - AVIVA 2019

CURADOS PARA AMAR

5 3

do Nonato, situada na avenida Senador Lemos, 1054, no Umarizal, em Belém. Louvor, adoração ao Santíssimo Sacramento, oração, pregações, espaço especial para as crianças e a Santa Missa constam da programação. Entrada gratuita. Informações: (91) 3277-4644.

Cidade Velha, em Belém. Participe! Informações: (91) 99837-9052. FRATER FOLIA

Buscando resgatar os jovens para um encontro com Deus em retiro espiritual animado e dinâmico, a comunidade Fraternidade “O Caminho” Belém realiza o “Frater Folia”, sob o tema “Foi para liberdade que Cristo nos libertou” (Gl 5,1). A programação será de 3 a 6 na Escola Estadual Doutor Justo Chermont, situada na travessa Vileta, 916, bairro da Pedreira para momentos de Adoração, Missas, oração, louvor, pregações, baile de máscaras e gincanas. As vagas são limitadas e os participantes terão direito a um abadá, copo e uma máscara. O local do retiro está preparado para acomodar os participantes que terão também direito às refeições durante os quatro dias de encontro. A atividade inicial será um arrastão dia 3, a partir das 16h, na praça Eneida de Moraes, situada na avenida Pedro Miranda, em frente ao Colégio Cesep, com destino ao lugar do retiro. À chegada, haverá uma extensa programação assim como nos demais dias do evento.


Igreja 2º Caderno Recursos: implantação de energia sustentável 4

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Paróquia do Perpétuo Socorro, no Telegrafo, inicia a promoção para a implantação de sistema

A

matriz da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no Telegrafo, inicia a promoção “Show de Prêmios” com o objetivo de arrecadar fundos para a implantação de energia sustentável e assim prosseguir com a instalação do sistema de refrigeração que vai permitir aos paroquianos e devotos um maior conforto nas missas, adorações e novenas. Atualmente o Santuário recebe cerca de 40 mil devotos por semana,

e durante as terças feiras nas novenas de 6h às 8h e das 17h às 20h, estima-se que se reúne para as orações cerca de duas mil pessoas por hora dentro da Igreja, ocasionando uma elevação da temperatura interna. Diante desta demanda e calor, um grupo de empresários frequentadores do Santuário e devotos da Mãe do Perpétuo Socorro, se reuniram e doaram cinco prêmios para ser sorteado, são eles: um carro zero km, uma moto biz, uma

moto pop e televisores. O Sorteio será realizado no dia 22 de junho de 2019, dia da Carreata de Nossa Senhora, às 20h na numeração sorteada da Loteria Federal Caixa. Para adquirir um número, você deverá procurar algum agente pastoral ou na Livraria e Secretaria da Igreja as cartelas, que custam 10,00 reais. A Igreja Matriz fica localizada na Rodovia Artur Bernardes, 459, no Telegrafo. Informações: (91) 3233-1797.

Olhar o passado para animar o presente rumo ao futuro n Côn. Jaime Pereira

A

Amazônia muito deve aos serviços pastorais prestados pelos padres estrangeiros que, deixando suas pátrias, para cá vieram generosamente e se dedicaram ao serviço missionário no norte do Brasil. O Pará acolheu padres de várias nacionalidades: italianos, alemães, espanhóis, franceses, norte americanos, poloneses, holandeses e de outros países.O clero autóctone no passado era muito reduzido. Os padres estrangeiros contribuíram – e muito! – para manter viva a chama de religiosidade do nosso povo muito apegado às suas devoções. A escassez se sacerdotes exigia deles, no passado, imensos sacrifícios devido às grandes distâncias que tinham de enfrentar e muitas vezes com recursos limitados. Para não deixar o povo sem assistência espiritual, durante muito tempo prevaleceu a prática da desobriga, isto é, visitas periódicas do sacerdote para atender confissões, batizar, casar, celebrar missas, visitar enfermos etc. Em algumas comunidades a visita acon-

tecia uma vez por ano. Muito pouco, é verdade, mas isso era o máximo que se podia fazer na época. Mons. Edmundo Igreja, sozinho, tinha a supervisão de três cidades: São Caetano de Odivelas, Marapanim e Curuçá. Desgastou a sua vida caminhando a pé, de canoa, a cavalo... impossível fazer um trabalho consistente nestas circunstâncias! Em alguns povoados a capela era fechada depois que o padre ia embora, para só voltar a abrir na outra visita do sacerdote, um ano depois. Talvez que esta prática tenha influenciado negativamente no nosso povo levando-o a uma acomodação que perdura em nossos dias. Esperava-se muito pelo Ministro de Deus. Era ele quem tinha a última palavra. Ainda hoje muitos católicos se contentam com a missa dominical e fogem do engajamento nas pastorais e serviços. Há quem diga que os antigos foram catequizados, mas pouco evangelizados. Com o aumento das ordenações sacerdotais dos padres brasileiros, foi possível aumentar o número de paróquias e

colocar os padres mais próximos do povo e realizar um trabalho pastoral mais frutuoso. Mas as dificuldades continuam. Não obstante o contingente de sacerdotes tenha aumentado, ainda somos poucos e sobrecarregados. Com o advento do Concílio Vaticano II, o espaço dado aos leigos (as) chegou em boa hora. Surgiu como uma valiosa ajuda para minorar os problemas acima citados. Os leigos (as) agora já podem prestar uma valiosa ajuda na Igreja e no mundo. Eles fazem parte do sacerdócio comum dos fiéis e têm direito de exercer suas atividades na Igreja em comum acordo com o pároco. Compete ao padre abrir espaço, delegar atribuições inerentes à sua condição de leigos engajados, acompanhar e confiar. As Comunidades cristãs, de certa maneira, colaboram para suprir as carências relatadas acima próprias da Região Amazônica. A ideia seria (de acordo com a expressão tantas vezes repetidas por D. OraniTempesta) tornar a paróquia uma comunidade feita de comunidades. Aqui e acolá

O

culpa achando que a militância política era um grande equívoco. Sentiam um forte apelo para a prática de uma espiritualidade adocicada e intimista onde as orações e cânticos passam ao largo dos problemas que os excluídos enfrentam em seu dia-a-dia. Por outro lado, os evangélicos vão ocupando os espaços vazios e organizando sua bancada na Câmara e no Senado. É verdade que a Igreja tem se preocupado com esta realidade. Promove cursos de Fé e Política, curso de formação de liderança etc. Mas há muito ainda a ser feito neste campo. A Campanha da Fraternidade em boa hora certamente vai trazer alguma contribuição para a caminhada dos cristãos Outra realidade que merece uma atenção especial é a expansão do protestantismo em nossa Região. Lá onde não conseguimos chegar, os pastores chegam com suas pregações fundamentalistas e alarmistas. Não podemos negar que eles conseguem congregar o povo simples das periferias e povoados, divulgam a Bíblia, resga-

tam viciados em droga e alcoolismo, unem casais desavindos e transformam a vida de muitos. Não se trata de competição, mas fica a pergunta: Por que muitos católicos abandonam nossa Igreja para ingressarem no protestantismo? O que é que deu errado na nossa catequese? Lembro-me de uma conversa que tive com Dom Helder Câmara há muitos anos atrás onde ele dizia: ” Meu filho, vai chegar o tempo em que a nossa Igreja deixará de ser maioria, perderá seus privilégios, será itinerante, aparecerá sangrenta, porém mais bela do que nunca!” Confesso que fiquei impressionado com o que ouvi e hoje acho que esta previsão aos poucos está caminhando para se tornar realidade. Seria então uma purificação na Igreja? Mas não há motivo para paranoia. Não podemos ser pessimistas. Deus é mais! Agora com o Sínodo da Amazônia previsto para outubro próximo é de se esperar que estes assuntos sejam contextualizados e novos caminhos se abram para o futuro da nossa Igreja na Região Amazônica.

TERCEIRA PARTE

YOUCAT J o r n a l Vo z de Nazaré segue os estudos sobre o YOUCAT Catecismo da Igreja Católica, escrito para JOVENS que querem saber em que acreditam. E s t e projeto iniciou-se por ocasião da Jornada Mundial da Juventude, Rio, 2013.

já é possível vermos comunidades vivas, atuantes, que funcionam mesmo quando o padre está impedido por causa dos múltiplos afazeres: Ministros extraordinários da Eucaristia distribuem a comunhão e visitam os doentes; ministros proclamam a Palavra e conduzem a reflexão; novenas e terços são valorizados; mutirões e outras atividades sociais são realizadas etc. Onde existem diáconos ampliam-se as possibilidades de ajuda nas lides pastorais. Há alguns anos atrás, quando vivíamos sob a ditadura, a partir das contradições que eram observadas (frequentes atos de desrespeito aos direitos humanos), uma parcela de cristãos sentia forte apelo para exercer o profetismo no engajamento político. Tinham a convicção de que todo cristão, para ser autêntico, não pode permanecer alheio à luta em favor da justiça e da liberdade. Aconteceram excessos motivados pelo ardor do momento, é verdade. Depois veio um período de esfriamento e acomodação. Algumas pessoas passaram a carregar um complexo de

A VIDA EM CRISTO SEGUNDA SEÇÃO: OS DEZ MANDAMENTOS SEGUNDO CAPÍTULO

Ama o teu próximo como a ti mesmo Que relação - O que é o amor casto? Por que 403-tem a sexualidade 404um cristão deve viver castamente? com o amor? A sexualidade e o amor estão inseparavelmente unidos. O encontro sexual necessita de um contexto de amor fiel e sério. [2337]

O amor casto é o amor que se defende contra todas as forças internas e externas que o procuram destruir. É casta aquela pessoa que assumiu constantemente a sua sexualidade e a integrou bem na sua personalidade. Castidade e continência não são o mesmo. Até uma pessoa que tem uma vida sexual ativa no matrimônio deve ser casta; ela comporta-se castamente quando a sua atividade corporal é expressão de um amor sério e fiel. [2238]


2º Caderno

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Arquidiocese

DIVULGAÇÃO

w ENCONTRO dos bispos reunidos na sede da CNBB na semana passada

N

a quinta-feira, 21, bispos do Regional Norte 2 estiveram reunidos na sede da CNBB em Belém para tratar de diversos assuntos, entre eles, o Sínodo dos Bispos para a região Pan-Amazônia, convocado pelo Papa Francisco para 6 e 27 de outubro de 2019. “Amazônia: novos caminhos para a igreja e para uma ecologia integral” é o tema do Sínodo que buscará, entre outros objetivos, novos caminhos para a evangelização. O Sínodo para Amazônia é uma resposta do Papa Francisco à realidade da Pan-Amazônia. De acordo com Francisco, “o objetivo principal desta convocação é identificar novos caminhos para a evangelização daquela região, especialmente dos indígenas, frequentemente esquecidos e sem perspectivas de um futuro sereno, tam-

5 5 DIVULGAÇÃO

w UM DOS temas centrais é a realilzação do Sínodo em outubro

Bispos do Regional Norte 2 discutem temática do Sínodo da Amazônia Momento de escuta com relatos da realidade das dioceses e prelazias bém por causa da crise da Floresta Amazônica, pulmão de capital importância para nosso planeta.” Na reunião do dia 21, o momento foi de escuta, onde os bispos destacaram as principais realidades de suas dioceses e prelazias. Dom Pedro José Conti, bispo titular da Sé de Macapá (AP), explanou sobre as questões sociais que atingem a Igreja de Macapá, como os garimpos, o desmatamento por conta da cultura do eucalipto e, até, o tráfico de pessoas. Com o Sínodo, Dom Pedro espera que grandes decisões sejam to-

madas em cooperação da Igreja com o laicato: “minha expectativa é que possamos somar mais as forças. Temos que cuidar também do laicato, as grandes decisões que esperamos sobre a Amazônia não sejam tomadas só de cima para baixo, mas que se leve em conta os que moram na Amazônia, e que estes que moram estejam preparados para dar sua opinião, defendam essas propostas com a alegria própria de quem é cristão.” Na realidade enfrentada pela Prelazia de Itaituba estão os desafios da evangelização, sendo

uma Igreja marcada pela presença dos povos indígenas, sendo inclusive um dos grandes focos do Sínodo. Dom Frei Wilmar Santin, bispo prelado, afirma que a Igreja deve assistir de forma ampla essa parcela da população. “Estamos na luta em favor desses povos que estão indefesos e, que esperam muito da Igreja. Sofrem com a questão do garimpo que desmata suas terras.”. Segundo Dom Wilmar, o tiro inicial para reflexão do sínodo começou com a escuta das comunidades, ao que foi elaborado documento e

repassado para o Regional Norte II. Representando Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo Metropolitano, afirma que toda realidade da Amazônia converge para a capital paraense e que, na mensagem pastoral que irá entregar no Vaticano é que: “daqui nasceu tudo, a vida de Igreja cresceu a partir de Belém e tudo converge para cá.” Dom Alberto participa nos dias 25 e 27 de fevereiro do Seminário de Estudos em preparação à Assembleia Especial do Sínodo dos Bispos. O seminário será realizado

LUIZ ESTUMANO

w SACERDOTES durante a programação realizada no Monte Tabor

no Instituto S. M. Bambina, no Vaticano, e terá como tema “Rumo ao Sínodo Especial para a Amazônia: dimensão regional e universal”. Para o Arcebispo Metropolitano, a Igreja de Belém muito tem a contribuir com as discussões que o Sínodo irá realizar: “A contribuição que podemos levar para o sínodo é especialmente aquela da história e a sede, o desejo da evangelização. Essa tarefa da evangelização é que Belém tem que puxar, tem que instigar para que todos se empenhem na missão da evangelização da Amazônia.” LUIZ ESTUMANO

wPREGAÇÃO DE DOM LUÍS AZCONA Bispo Emérito do Prelado do Marajó

Dom Luis Azcona reflete sobre conversão em retiro do clero Cerca de 50 sacerdotes da Arquidiocese de Belém concluíram no último dia 28 o Retiro Anual do Clero Arquidiocesano, realizado para uma primeira turma, na Casa de Retiros Monte Tabor, localizado no distrito de Icoaraci. Com pregação de Dom José Luís Azcona Hermoso, OAR, Bispo Emérito do Prelado do Marajó, os padres participaram de momentos de meditação e oração, iniciados no dia 25. O Retiro Anual do

Clero faz parte do calendário oficial da Arquidiocese de Belém, sendo realizado em duas partes devido o grande número de sacerdotes. Durante os quatro dias de retiro os sacerdotes mantêm momentos de oração e pregação sob orientação do pregador, escolhido antecipadamente. De acordo com Dom Luis Azcona, pregador desta primeira turma, o retiro teve como eixo principal a passagem do Evangelho presente em Atos 2,38-42 sobre con-

versão pessoal e coletiva: “A Igreja toda precisa da conversão, desde a Cúria Romana até o último coroinha, isto está explicitado tantas vezes no magistério da Igreja quando se fala em Aparecida, duas vezes. Precisamos de um novo Pentecostes que nos tire do desânimo, da tristeza, da falta de esperança e faça nosso ministério verdadeiramente ficar cheio de poder no Espírito Santo.” Na programação do retiro haverá momen-

tos de deserto, momento mariano, meditação, oração, adoração ao santíssimo sacramento, santas missas e confissões. Ao todo participarão 50 presbíteros deste primeiro retiro. Para Cônego Roberto Cavalli Jr., da Pastoral Presbiteral, o retiro busca ser um momento dos sacerdotes se reabastecerem: “Todos os anos temos o retiro para fazer parada, viver mais um pouco a nossa espiritualidade, vivendo nosso tempo de oração, refle-

xão, principalmente daquilo que o pregador nos propõe. Isso contribui para a prática, para nossa pastoral e continuar nossa missão de maneira muito especial na nossa arquidiocese de Belém.” Assim concorda Padre José Maria Ribeiro, pároco de Santa Maria Mãe de Deus, que vê no retiro anual a oportunidade para os sacerdotes saírem da rotina de preocupações pastorais e administrativas para preencher-se de Deus: “O retiro é justamente

retirar-se, esvaziandonos, para nos encher de Deus, para nós voltarmos para dentro de nós, nos reabastecermos para continuar dando o que Deus nos sugere àqueles que estão nas bases, nas nossas comunidade e paróquias.” Em março, nos dias 11 a 14, haverá novo retiro, voltado para a segunda turma, também no Tabor, com pregação de Dom Antônio Augusto Dias Duarte, um dos bispos auxiliares da Arquidiocese de São Sebastião do Rio Janeiro.


6

O

Núncio Apostólico do Brasil, Dom Giovanni D’Aniello chegou em Belém na sexta-feira, 22, para participar das comemorações do tricentenário da Diocese de Belém. Recepcionado por Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo Metropolitano, Dom Giovanni participou de reuniões com bispos do Regional Norte II, presidiu santa missa e visitou a Faculdade Católica de Belém. Um núncio apostólico ou núncio papal é um representante diplomático permanente da Santa Sé - não do Estado da Cidade do Vaticano - que exerce o posto de embaixador. Representa a Santa Sé perante os Estados (e perante algumas organizações internacionais) e perante a Igreja local. Costuma ter a dignidade eclesiástica de arcebispo. Normalmente reside na nunciatura apostólica, que goza dos mesmos privilégios e imunidades que uma embaixada. A presença de Dom Giovanni demonstra a vontade da Santa Sé pelo bem da diocese tricentenária. Para o Núncio, que diz partilhar da alegria da arquidiocese em festejar os 300 anos “O aniversá-

2º Caderno

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Núncio Apostólico do Brasil chegou a Belém na sexta, 22 Ele foi recepcionado por Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo Metropolitano LUIZ ESTUMANO

w NO AEROPORTO DE BELÉM Dom Alberto recebendo o núncio apostólico

rio representa um longo caminho, mas que também pode significar um novo início. Estou aqui para compartilhar junto com o povo desta grande graça de Deus, este grande dom e, também, trazer pessoalmente as felicitações do Santo Padre.” Ele comentou, ainda,

sobre a proximidade do Sínodo dos Bispos para a Amazônia, convocado pelo Papa Francisco: “o sínodo como bem sabemos é um encontro dos bispos para discutir questões pastorais. Então os bispos junto com o Santo Padre, que tem grande cuidado e amor por esta

região do Brasil, irão encontrar caminhos pastorais para atender a todos desta parte do país.” Esta não foi a primeira vez que o Núncio Apostólico esteve na capital paraense. A mais recente aconteceu durante o XVII Congresso Eucarístico Nacional, em

LUIZ ESTUMANO

w NÚNCIO dom Giovanni D'Aniello

agosto de 2016. Naquela ocasião Dom Giovanni presidiu celebração na Catedral Metropolitana. Na sexta, após a chegada, o Núncio esteve na sede da CNBB em Belém onde se reuniu com os bispos do Regional Norte II, Pará e Amapá. Depois, esteve

no Mangueirinho onde presidiu a Santa Missa de Abertura do Ano Jubilar. No sábado, 23, Dom Giovanni esteve na Faculdade Católica, principal pólo de formação acadêmica católica da Arquidiocese. Na instituição o Núncio conheceu as instalações.

Mensagem do Papa Francisco à Arquidiocese de Belém Sua Santidade, o Papa Francisco, envia uma afetuosa saudação ao povo paraense reunido para comemorar o aniversário pelo terceiro centenário de criação da Diocese de Belém do Pará com a publicação da Bula Copiosus in Misericordia, de 4 de março de 1719, pelo Papa Clemente XII. Esta circunstância ditosa é uma oportunidade para todos os fiéis – sacerdotes, consagrados e leigos – renovarem seu compromisso missionário (cf. Evangeli Gaudium, 20) formando “uma igreja que olha para a frente e

para o alto com a missão de evangelizar a partir de Jesus Cristo e na força do Espírito Santo, como comunidade discípula, missionária, profética e misericordiosa, alimentada pela Palavra de Deus e pela Eucaristia. Para tal, o Santo Padre invoca a abundância dos dons do Espírito Santificador que lhes ajudem a fortalecer os bons propósitos, inspirando-se no testemunho evangélico de tantos homens e mulheres que, ao longo destes trezentos anos, se prodigaram na difusão do nome de Cristo na Amazônia.

Confiando à Santíssima Trindade, pela intercessão de Nossa Senhora de Nazaré, estes votos e preces por essa amada Arquidiocese, o Papa Francisco envia a quantos dela fazem parte ou nela trabalham, extensiva aos participantes na Eucaristia jubilar, a implorada Benção Apostólica. Vaticano, 6 de fevereiro de 2019 Edgar Peña Substituto da Secretaria de Estado de Sua Santidade

Dom Giovanni presidiu missa na Capela do Seminário São Pio X Na manhã do último sábado 23, o Núncio Apostólico representante do Vaticano no Brasil, Dom Giovanni D’Aniello, presidiu a celebração eucarística na Capela do Seminário Maior São Pio X, em Belém. Concelebraram o Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, Dom Irineu Roman e Dom Antônio de Assis Ribeiro, Bispos Auxiliares de Belém, os cônegos Jayme Pereira e Vladian Alves e demais sacerdotes da Arquidiocese de Belém. Na Capela do Seminário São Pio X, que fica no Centro de Cultura e Formação Cristã, a celebração foi um dos pedidos do Núncio que segundo ele, é o momento de encontrar os jovens e relembrar os anos passados quando ele tam-

bém realizava o mesmo percurso. Na ocasião, estavam reunidos dezenas de seminaristas da Arquidiocese de Belém, do Seminário Maior São Pio X, Seminário Propedêutico Dom Tadeu Prost, Seminário Menor São João Maria Vianey, Seminário Missionário Arquidiocesano Redemptoris Mater e Seminário Monsenhor Edmundo Igreja. Em sua homilia, Dom Giovanni: “Este seminário, este momento que vocês estão passando aqui é um momento extraordinário não vai voltar nunca mais. Nós podemos voltar, conquistar, sonhar, mas o seminarista não! O que vocês vivem hoje tem que servir para vida toda, eu espero que todos sejam padres amanhã. O que você aprendeu hoje não

LUIZ ESTUMANO

w DOM GIOVANNI presidindo celebração na capela do Seminário Pio X

vai aprender amanhã por isso aproveite ao máximo do ponto de vista cultural, intelectual, do ponto de vista do lazer, mas sobretudo do ponto de vista espiritual. Porque amanhã a gente quer ver você como homem de oração,

homem que se sacrifica para renovar o mundo”. Segundo Alan Henrique Silva, seminarista do Seminário São Pio X, primeiro missionário da Comunidade Católica Maíra de Belém que escolheu a vocação sa-

cerdotal, que atualmente mora em Mosqueiro, na matriz da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, no aguardo da Ordenação Sacerdotal, a homilia do Núncio foi um impulso. “Aquilo que Dom Giovanni dis-

se é uma inspiração para mim porque é o período que estou vivendo o de espera e, pra mim foi muito importante escutar tudo isso porque me conduz a viver essa realidade sacerdotal que eu estou mais próximo. Então, pra mim foi um impulso, foi uma voz de Deus para eu seguir nessa caminhada”, disse Alan Silva. Ao término da Santa Missa Dom Giovanni, Dom Alberto, seus auxiliares e os demais sacerdotes, juntamente com os seminaristas partilharam o café da manhã. E seguida Dom Giovanni conheceu as instalações do Seminário Maior São Pio X e da Faculdade Católica de Belém, na oportunidade visitou as salas e a biblioteca da Instituição de ensino superior.


2º Caderno

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

7

Presença dos fiéis durante a abertura do Ano Jubilar - 300 anos da Diocese de Belém

LUIZ ESTUMANO

Evento contou com uma extensa programação que culminou com a Santa Missa Solene

N

a tarde na última sexta-feira, 22, centenas de fiéis compareceram à abertura do Ano Jubilar dos 300 anos de criação da Diocese de Belém. A celebração de abertura foi na arena Guilherme Paraense, conhecida como Mangueirinho, no bairro Castanheira, e contou com uma extensa programação que culminou com a Santa Missa Solene presidida pelo Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni D’Aniello. Do lado de fora da arena uma fila foi formada e, aguardava o momento da abertura dos portões. Com a abertura dos portões o público se dirigia para ocupar o melhor lugar que sinalizava a região episcopal que pertencia a sua paróquia. Atualmente, na

Arquidiocese de Belém existem 90 paróquias, a mais recente é a Paróquia Madre Teresa de Calcutá, criada em fevereiro. As sete Regiões Episcopais da Arquidiocese de Belém foram identificadas através das cores de camisas que os fiéis usavam, por exemplo, a camisa na cor laranja, identificava a Região Episcopal Coração Eucarístico de Jesus. Centenas de fiéis foram mobilizados para celebrar a data, por exemplo, os fiéis da Matriz da Paróquia de Nossa Senhora Conceição Aparecida, no bairro da Pedreira. Segundo André Lopes, de 15 anos, coroinha na Igreja Matriz de Nossa Senhora Conceição Aparecida, é uma honra participar da abertura do Ano Jubilar.

w REGIÕES episcopais chegando para a programação no Mangueirinho LUIZ ESTUMANO

w CHEGADA centenas de fiéis compareceram à abertura do Ano Jubilar

QUAL É SIGNIFICADO DA ABERTURA DO ANO JUBILAR DOS 300 DE CRIAÇÃO DA DIOCESE DE BELÉM? FOTOS: DANIELE MACIEL

Maria de Nazaré da Silva - Paróquia Santo Antônio de

Maria Cecília Monteiro - Paróquia Nossa Senhora do

Pádua, Região Episcopal Coração Eucarístico de Jesus. É importante para todos nós que somos católicos. Nós temos que mostrar que nós somos Igreja, o momento é de nós nos unirmos e mostrar que somos uma força atual, uma força cristã e a abertura do Ano Jubilar 300 anos de Diocese de Belém, é um momento significativo. Então, nós católicos temos que estar presentes nesse momento ótimo, com a presença do representante do Papa no Brasil, vamos ser abençoados por ele, Dom Giovanni D’Aniello. Nós somos essa presença viva da Igreja.

Ó (Mosqueiro) (Região Episcopal Menino Deus) É um momento único na nossa vida para prestigiar a Arquidiocese sabendo que a gente tem uma mãezinha lá no céu, que intercede por nós durante todos os dias da nossa vida. Foi através da intercessão dela que nós podemos chegar nessa data de hoje, porque nós devemos sempre lembrar que Jesus teve uma mãe e, foi por essa mãe que Ele veio ao mundo, morrer por todos nós. É muito importante participar desses eventos, um momento singular para nós e para os jovens.

Ney Ferreira de Medeiros - Paróquia São Vicente de

Elenice Franco - Paróquia Jesus Bom Samaritano (Re-

Paulo (Região Episcopal São Vicente de Paulo) Para todos os católicos é um momento importante, é muito significante, a gente se sente bem e estamos aqui para fazer a nossa parte como católico. Eu e minha esposa somos engajados na Igreja. É o sonho de muita gente estar aqui nesse momento na presença do Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni D’Aniello. Hoje é um momento único que vai marcar as nossas vidas, porque só o fato de estar aqui, a gente já se sente bem.

gião Episcopal São João Batista) É um momento de muita fé, de renovação na verdade. É bom ver esses jovens aqui é gratificante e, será um momento muito forte que não se resume apenas com a missa, mas com o que vai ocorrer ao longo do Ano Jubilar. Eu me emociono muito toda vez que eu vou a missa e, principalmente na hora na comunhão, eu sinto a presença viva de Deus. Eu agradeço a Deus de estar aqui no dia de hoje junto com os meus filhos.

Maria de Nazaré Pantoja - Paróquia Nossa Senhora Aparecida (Região Episcopal Santa Cruz) A g e n t e ve m c o m muito carinho no dia de hoje. É um momento muito importante para nossa cidade Belém, é muito importante para nós essa grande festa. Fabrício Simões - missionário da Comunidade Católica Maíra Significado de pertença à Igreja de Belém, pois nos levará a refletir sobre a nossa memória, identidade e missão evangelizadora na Amazônia. Uma evangelização com rosto amazônico.

Thais Ferrari - Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré (Região Episcopal Santa Maria Goretti) É como se todos nós estivéssemos completando esses 300 anos participando ativamente da Igreja, das pastorais; as comunidades, todos aqui presente para celebrar a abertura do Ano Jubilar. Thiago Magalhães Paróquia São José (Umarizal) Significa fazer parte da Igreja de Cristo. Está em sintonia. Fazendo memória aos nossos antepassados que foram percussores deste caminho. São mais de 400 anos da presença da Igreja e 300 anos como diocese e depois arquidiocese. É com alegria e júbilo que celebramos este feito.

Francisco Carneiro - Paróquia São Judas Tadeu (Região Episcopal Sant’Ana) É um dia muito importante para todas as paróquias de Belém, é um grande dia. Mesmo sendo uma sexta-feira, nós, cristãos estamos louvando nessa festa maravilhosa de abertura do Ano Jubilar dos 300 da Diocese de Belém. Nós da Paróquia São Judas Tadeu estamos aqui presentes prestando essa homenagem e, também, evangelizando. Jhonnis Sarges - Paróquia de São Benedito (Barreiro) A importância de celebrarmos como Igreja de Belém é louvar e agradecer a Deus pelos missionários que evangelizaram estas terras amazônicas, semearam a boa semente do Evangelho neste chão em que muitos doaram suas vidas por esta diocese, e devemos ter este sentido de pertença a esta Igreja local e louvar e rezar pela unidade da nossa Igreja de Belém e nossos bispos que com tanto amor conduzem os trabalhos e a cada um de nós seu rebanho viva a nossa diocese.


Em Nazaré 2º Caderno Círio 2019: foto para cartaz já foi produzida 8

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Instrumento de evangelização e divulgação da festa, muito bem pensado e elaborado pela DFN

U

ma das tradições mais antigas e conhecidas do Círio de Nazaré adotada até hoje por várias famílias, empresas e órgãos paraenses: fixar cartazes do Círio nas portas, como forma de homenagem a Senhora de Nazaré. Trata-se de um instrumento de evangelização e divulgação da festa e por isso é muito bem pensado e elaborado pela Diretoria da Festa de Nazaré (DFN). Este ano o renomado fotógrafo Tarso Saraf foi convidado pela Diretoria da Festa para produzir a foto da Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré que ilustrará o cartaz

DIVULGAÇÃO

w TARSO com a Diretoria da Festa de Nazaré

do Círio 2019. De acordo com Tarso: “foi uma honra o convi-

te para o trabalho. Sempre respeitei todas as religiões, mas

ser convidado para fotografar a imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré é uma grande honra, o que me deixa muito feliz, me senti abençoado, pois todo profissional de fotografia tem o desejo de fazer essa foto”, disse. Tarso contou com a assistência do fotógrafo e amigo Salim Wariss. Salim fala sobre esse momento de encontro com a Imagem Peregrina. “No sábado, fui convidado pelo Tarso para auxiliá-lo na sessão de fotos para o cartaz do Círio. Já fazia ideia da responsabilidade que isso representava e encarei o convite não só como um desafio ou uma

oportunidade de aprender sobre fotografia de estúdio, mas, sim, como mais uma bênção e um chamado da Mãezinha em minha vida”. A sessão de fotos foi no último sábado, 23, na sede da Mendes Publicidade, agência voluntária que atua desde 1991 produzindo a peça. O primeiro Cartaz de divulgação do Círio foi confeccionado em Portugal no ano de 1826. Inicialmente as peças eram elaboradas à mão para impressão. Atualmente o Cartaz é produzido a partir de fotografias e tem a concepção elaborada pela Mendes Publicidade.

Pastoral da Catequese da Paróquia de Nazaré iniciou atividades No ultimo sábado (23), foi realizada a missa oficial de abertura das atividades da Pastoral da Catequese na Basílica Santuário de Nazaré. A celebração foi presidida pelo Pároco de Nazaré, Padre Giovanni Incampo. Os catequistas e os catequisandos estiveram presentes neste momento de oração e agradecimento por mais um ano de dedicação aos ensinamentos de Deus em preparação para ingressar na vida cristã através do recebimento dos Sacramentos da Comunhão e Crisma. Atualmente, a Basílica Santuário de Nazaré conta com uma equipe de 53 catequistas, divididos em 30 turmas de Pré-Catequese I e II, Primeira Eucaristia, Perseverança, Crisma Jovem e Catequese com

KAROL COELHO

w PÁROCO de Nazaré, padre Giovanni KAROL COELHO

w CRIANÇAS durante a missa de abertura

Adultos. Ao todo, 500 catequisandos participam dos encontros que acontecem nos dias de sextafeira, sábado e domingo.

Devido as celebrações da Semana Santa, os encontros da catequese retornarão apenas no dia 08 de março.

CONFIRA OS HORÁRIOS E IDADES PRÉ-CATEQUESE 1: de 4 a 6 anos de idade. Aulas aos sábados, de 8h30 às 10h e de 15h às 17h. PRÉ-CATEQUESE 2: de 7 a 8 anos de idade. Aulas aos sábados, de 8h30 às 10h e de 15h às 17h. PRIMEIRA EUCARISTIA: de 9 a 13 anos de idade. Aulas as sextasfeiras de 15h às 17h, aos sábados de 8h30 às 10h30 e de 15h às 17h. PERSEVERANÇA: de 11 a 13 anos de idade. Aulas aos sábados de 8h30 às 10h30 e de 15h às 17h. CRISMA JOVEM: de 14 a 17 anos de idade. Aulas aos sábados de 15h às 17h. CATEQUESE COM ADULTO: a partir de 18 anos de idade. Aulas

as quintas-feiras de 19h às 21h, as sextas-feiras de 19h às 21h e aos sábados de 17h30 às 20h. ATENÇÃO: A Basílica Santuário de Nazaré informa que ainda disponibiliza vagas para turmas de Crisma e Perseverança, no sábado à tarde. Para efetuar a inscrição basta apresentar cópia da Certidão de Nascimento (caso seja menor de idade), Certidão de Batismo (caso seja batizado), comprovante de residência, uma foto 3×4 e o pagamento de uma taxa de R$ 20,00 que será destinada a confecção de um kit que estará a disposição dos alunos. O kit contem: uma camisa, uma bíblia e um livro.

Inscrições para o Curso de Noivos seguem abertas As inscrições para o curso de preparação para a vida matrimonial da Paróquia de Nazaré seguem abertas. Os interessados

devem realizar a inscrição no atendimento da Basílica Santuário, de segunda a sexta-feira das 7h às 18h, basta levar uma

cópia do RG do casal. A programação será realizada nos dias 15,16 e 17 de março no Centro Social de Nazaré.


2º Caderno

Em Nazaré

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019 YÊDA SOUSA

5 9 YÊDA SOUSA

w INTEGRANTES da Paróquia de Nazaré participaram do momento

w PADRES Barnabitas com paroquianos e o estandarte de Nazaré

Paróquia de Nazaré participou da abertura dos 300 anos da Diocese de Belém Início do Ano Jubilar com uma programação especial realizada no Mangueirinho

N

a última sextafeira (22), a Arquidiocese de Belém celebrou o início do Ano Jubilar com uma programação es-

pecial realizada na arena Guilherme Paraense (Mangueirinho), onde os leigos, representados pelas paróquias das sete regiões episcopais, e

o clero, sendo Bispos do Pará e Amapá, vivenciaram um momento de manifestação de fé em agradecimento ao tempo doado às atividades YÊDA SOUSA

w PADRE José Ramos conduziu formação para Catequistas

ter entre 17 a 25 anos e podem solicitar a ficha de inscrição pelos números: 98400-7774 e 98095-9918. A inscrição custa R$ 30,00.

pastorais e movimentos das comunidades que a compõem. Participaram deste momento, o Pároco de Nazaré, Padre Giovanni Maria Incampo, o

Formação espiritual para a Pastoral da Catequese Na última semana os coordenadores da Pastoral da Catequese da Paróquia de Nazaré participaram de uma formação espiritual, realizada no Centro Social de Nazaré, conduzida pelo Superior Provincial da Região Norte dos

Encontro de Jovens com Cristo será nos dias 29,30 e 31 de março Estão abertas as inscrições para o Encontro de Jovens com Cristo (EJC) promovido pela Paróquia de Nazaré. Os interessados precisam

voluntárias realizadas na Igreja. A Paróquia de Nazaré faz parte da Região Santa Maria Goretti, que foi representada pelas

Esta é a segunda edição de 2019 que acontecerá na Creche Sorena, nos dias 29, 30 e 31 de março. As vagas são limitadas. Aproveite!

Clérigos Regulares de São Paulo, Padre José Maria Ramos das Mercês, que a partir de agora estará à frente da pastoral junto ao Pároco de Nazaré, Padre Maria Giovanni Incampo. Durante o momento de espiritualidade, Padre

Reitor da Basílica Santuário, Padre Luiz Carlos Maria Nunes Gonçalves, e os Padres Antony Maria Pondoc e Deogratias Muderwa.

Ramos explicou que a melhor forma de transmitir a fé para as crianças que iniciam a catequese é a partir do testemunho. “Esta é a atividade mais bonita, mais bela e mais nobre da Igreja. É a alegria de começar a se formar para a vida e começar a aprender as coisas da fé. Notamos a fé à medida que a gente vai se desenvolvendo”, disse.

Produção do Manto segue a todo vapor A artista plástica Celeste Heitmann, a estilista Kathia Novelino e o ourives Marcelo Momenteiro foram convidados novamente para produzir o manto 2019 da Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré. O convite veio do casal coordenador do biênio 2018/2019 Cláudio e Lílian Acatauassú. Celeste será a responsável pela produção do designer do manto, Kathia vai atuar

DIVULGAÇÃO

w LILIAN Acatauassú,Celeste, Marcelo e Kathia

na confecção e Marcelo pela produção da ourivesaria do manto que mais

uma vez apresentará composição de peças em ouro e pedras preciosas.

Cantinho São Rafael realizou atendimento psicológico YÊDA SOUSA

Crianças e jovens que integram o Projeto Social Cantinho São Rafael, mantido pelas Obras Sociais da Paróquia de Nazaré, receberam o acompanhamento psicoterapêutico realizado pela psicóloga Everly Araújo, que integra o Núcleo de Projetos Sociais da Paróquia de Nazaré w PSICÓLOGA atendendo as crianças (NUPS), com o intuito de promover qualidade de formar cidadãos de bem uma vez ao mês e requer vida em família, melhorar para um futuro melhor. O a presença de algum fao rendimento escolar e atendimento é realizado miliar ou responsável.


10

Arquidiocese

2º Caderno

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

I Encontro Paraense de Redes de Economia Popular e Solidária “Solidariedade, Sustentabilidade e Bem Viver Na Amazônia”

E

ntre os dias 8 e 10 de março, a Cáritas Brasileira do Regional Norte II (Pará e Amapá) promove na praça Santuário e na Casa das Artes, em Nazaré, Belém, o I Encontro Paraense de Redes de Economia Popular e Solidária, que reunirá 15 redes de economia solidária do Projeto de Redes de Cooperação Solidária, executado pela Cáritas. Com oficinas, rodas de conversas e palestras, o encontro objetiva fortalecer e oportunizar o diálogo entre os parceiros locais. A Economia Solidária, definida como um conjunto de atividades econômicas organizadas sob a forma de autogestão como cooperativas, associações que prestam serviços, produzem bens e promove o consumo solidário. Esta atividade nasceu como uma proposta de inclusão social que busca ser uma alternativa coletiva de geração de trabalho e renda para o trabalhador e suas famílias. Além disso, a economia solidária é um movimento que luta pela mudança da sociedade para que haja semelhança entre os indivíduos e nas suas condições de vida. O encontro objetiva dar visibilidade ao trabalho realizado pela Rede no

Território, oportunizando diálogos entre os parceiros locais, criando conexões com outras Redes e fomentando a adesão de novos empreendimentos, fortalecendo a Economia Solidária e a Rede Cáritas. Rosane Gomes, da Caritas Norte II, afirma que o evento, além de proporcionar troca de experiências, alavancará a economia solidária no Estado, principalmente a organização dos empreendimentos em rede: “quando acontecem essas ações elas fazem com que os grupos se fortaleçam. As pessoas sentem-se valorizadas, reconhecidas pelo trabalho que elas executam e também dão visibilidade tanto ao trabalho dessas pessoas como ao trabalho produzido em coletivo.” “Isso vai proporcionar às pessoas até mesmo a conhecer o que é economia solidária e a partir daí iniciar a organização em grupo, seguindo para a formalização das redes solidárias”, acrescenta Rosane. No Estado do Pará, a Cáritas Brasileira – Regional Norte II acompanha a Rede de Cooperação Mãos Solidárias (RECOMSOL), formada por Rede com Grupos de Empreendedores(as) dos mu-

DIVULGAÇÃO

INSCRIÇÕES

As inscrições para as oficias, palestras e rodas de conversa dão-se via online. Os interessados devem acessar o link goo.gl/WgHwjd. O credenciamento acontecerá no início do evento com a apresentação de CPF e RG conforme a lista de inscrição através do site. As redes que forem participar da Comercialização devem fazer a Inscrição no Site solicitando espaço. CARITAS BRASILEIRA NORTE II

w LOCAIS de realização do encontro em Belém

nicípios de Belém, Ananindeua, Benevides, Barcarena, Tomé Açu e Curralinho. A programação será realizada em dois espaços: a praça Santuário e a Casa das Artes. Na praça, haverá a acolhida, mística e espiritualidade, na Concha Acústica. Serão mon-

tados 15 estandes para comercialização de produtos. Entre as palestras estão os seguintes temas: “Uma nova economia, é possível?”, assessorada pela Irmã Lourdes Dil; “Serás libertado pelo direito e pela justiça - CF 2019”, palestra pelo padre Paulo Joanil da Silva;

Servindo à Verdade Olá, meu irmão e minha irmã. Afinal podemos ou não podemos ser santos? No “Servindo a verdade” passado procurei mostrar, com exemplos bem concretos que os homens e mulheres que conseguiram atingir o grau admirável da santidade não eram desprovidos de defeitos e de erros. Muito ao contrário. Sempre pensamos os santos como pessoas virtuosas, e de fato são. Porém a conquista das virtudes custou muito esforço, muito “sangue da alma”. Todos eles lutaram arduamente contra suas fragilidades, mas também contra o demônio. O Papa Francisco diz: “Não se trata apenas de uma luta contra o mundo e a mentalidade mundana, que nos engana, atordoa e torna medíocre, sem empenho e sem alegria. Nem se reduz a uma luta contra a própria fragilidade e as próprias inclinações (cada um tem a sua para preguiça, luxuria, a inveja, os ciúmes etc.) Mas é também uma luta constante contra o demônio que é

A Cáritas Brasileira Regional Norte II, organismo da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB, entidade de promoção e atuação social, em várias áreas, inclusive Economia Solidária, com o objetivo de fortalecer os processos de estruturação e verticalização dos empreendimentos e suas cadeias produtivas, nossas discussões reiteram o compromisso com a dignidade humana nesta caminhada, a emancipação das mulheres em situação de vulnerabilidade e a geração de renda através do trabalho coletivo. Prof. Ricardino Lassadier

A Meta o “príncipe do mal” (Gaudete et Exutate,159). No final das contas, satanás, se aproveita de nossas fragilidades, de nossas inclinações para nos levar à queda. Feitas essas considerações, volto a apresentar exemplos concretos de homens e mulheres que foram deles mesmos. De acordo com o Padre João Mohana, Santa Margarida Alacoque era distraída. João Mohana nos faz entender que ela era exemplo de incompetência, de desleixo. Sensualidade, tendência ao erotismo, à luxúria eram fraquezas que flagelaram os gigantes da santidade como Francisco de Assis e Agostinho Hipona. Francisco levava uma vida desregrada, em-

“Finanças solidárias e autogestão na Amazônia”, por Luís Dantas; e “Comercialização e consumo justo e solidário”, explanada por integrantes da Rede Bragantina.

(parte 4)

briagada pelos prazeres. Agostinho participava dos festins que infestavam as noites romanas. Mesmo depois de convertido o pobrezinho de Assis literalmente mergulhou em um espinheiro para refrear seus desejos. São Francisco de Sales era impaciente, colérico, indelicado, agressivo. Tornou-se manso, sereno, tolerante, simpático. Padre Mohana nos oferece um intimo testemunho ao ler os escritos de São Francisco de Sales. Diz Padre Mohana: “ Confesso ao leitor que por várias vezes já me vi perguntando a mim mesmo, ao ler páginas de São Francisco de Sales: como é possível que esta criatura tenha sido grosseira algum dia?”.

Pensamos os santos como pessoas virtuosas, e de fato são. Porém a conquista das virtudes custou muito esforço

São João Maria Vianey tinha grande limitação no campo intelectual, fraquíssimo nos estudos. Não sei se é lenda ou fato o que relato em seguida. No entanto diz muito acerca do perfil de Vianey. Teria o Bispo antes de ordenar João, feito uma entrevista com João para conhecê-lo melhor. Ao final da conversa, o senhor Bispo, preocupado disse a João: “Meu filho, é com tristeza que percebo como você é burro”. João Vianey teria respondido: “Pois então me ordene senhor Bispo. Se Deus com uma queixada de burro derrotou um batalhão inteiro, através de Sansão, o que não fará ele com um burro inteiro?” Colocado na cidadezinha de Ars, Vianey rezou e estudou muito. Padre Mohana diz que após seu falecimento “descobriu-se que a biblioteca dele continha mais de trezentos volumes. Todos lidos e anotados. O que não deixa de ser, para época e nu-

ma vila do interior, uma biblioteca grande. Enorme mesmo, tratando-se de um proprietário intelectualmente limitado, embora padre”. O cura de Ars é um exemplo de alguém inconformado com suas fragilidades e fraquezas naturais. Segundo Padre Mohana “estamos a par do laborioso trabalho desprendido por ele, para preparar os sermões. Depois de escrevê-los, estudava-os, repetia-os exaustivamente (muitas vezes noite a dentro) para reter as ideias básicas. Fez isso anos a fio”. São João Maria Viney pelo seu esforço no campo natural recebe de Deus dons sobrenaturais de ciência , sabedoria e conselho. São João Batista de La Salle vivia sufocado pelo sentimentalismo. Conta Padre Mohana: “ São João Batista de La Salle

era inconstante do tipo que vulgarmente chamamos fogo de palha. Facilmente desanimava nas dificuldades. Extremamente suscetível, feria-se com qualquer observação indelicada. Era de uma timidez penosa”. A graça de Deus agiu e ele se esforçou, tornouse um cristão admirável: “tornou-se infatigável, amoroso, empreendedor, perseverante, educador de envergadura. Fino e viril nas manifestações afetivas, coordenador virtuoso de grupos humanos de elite. Em suma, um líder além de santo”. Todos os santos tinham suas dificuldades. Entre os apóstolos também. Refletiremos sobe esse aspecto no próximo “ Servindo a Verdade”. Sigamos em frente pensando com a Igreja no serviço da verdade. Fique com Nossa Senhora e São José.

Graduado (Bacharel e Licenciado) e Especialista em Filosofia pela UFPA e Especialista em Teologia pelo CESUPA.

PRÓXIMO ARTIGO: Maria Elisa Bessa de Castro


11

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

Especial Juventude

Jovens protagonistas de um mundo melhor

D

estaques nesta edição é o lançamento da primeira etapa do Projeto “Superação” de formação integral infanto-juvenil realizado pelo Setor Juventude Belém para o Cursinho Preparatório para o Enem. Outro destaque nesta edição é a inscrição aberta para cursos à distância de capacitação da Pastoral Juvenil.

O

Setor Juventude Belém lança a primeira etapa do Projeto “Superação” de formação integral infantojuvenil, com inscrições para o Cursinho Preparatório para o Enem, no intuito de facilitar o acesso ao ensino superior público e gratuito a jovens em situação de vulnerabilidade social. O cursinho popular contará com professores licenciados, material apostilado e a estrutura do Centro Arquidiocesano de Pastoral Juvenil, em Ananindeua, e as aulas serão de segunda a sexta no turno da tarde. Os interessados deverão contribuir para sustentabilidade do projeto com uma taxa de ajuda de custo mensal de R$ 70 para manutenção do espaço, apostilas e professores. Esta frente pastoral, segundo a coordenação, “quer representar uma política pública do Setor Juventude da Arquidiocese de Belém de inclusão e transformação socioeducativa, que venha contribuir para a redução da vulnerabilidade, criminalidade e reducionismo sociocultural juvenil.” Enfatizam, ainda, que esta é a primeira etapa, “as próximas fases deverão atender a cursos de musica, informática, artesanato e outros uma vez que compreendemos que a Promoção Humana caminha lado a lado com a evangelização, e diante desta demanda não podemos ficar parados, por que quem o faz já está regredindo.” Para Marco André, um dos integrantes do Projeto “nossa consciência como lideres, é de responsabilidade cristã e

Setor Juventude lança Projeto Superação de cursinho preparatório Facilitar o acesso ao ensino superior público e gratuito aos jovens DIVULGAÇÃO

w LOCAL onde será realizado i cursinho popular

civil, levando-nos a ir além de propostas genéricas, mas dar melhor utilização a nossa estrutura, promovendo o protagonismo e empreendedorismo juvenil, além de manifestar ousadia pastoral”. As pré-inscrições podem ser feitas no seguinte link https:// goo.gl/forms/uZaTyW9UQeDpfwcH2. No formulário, os concorrentes devem informar nome completo, telefone para contato, e-mail e nome e contato de algum responsável. Para mais informações sobre o cursinho preparatório, a coordenação do Setor Juventude disponibiliza o seguinte número para contato 98116-7668 - Falar com André Ribeiro. ENEM

Criado em 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) tem o objetivo de

avaliar o desempenho do estudante ao fim da escolaridade básica. Podem participar do exame alunos que estão concluindo ou que já concluíram o ensino médio em anos anteriores. O Enem é utilizado como critério de seleção para os estudantes que pretendem concorrer a uma bolsa no Programa Universidade para Todos (ProUni). A partir de 2009 passou a ser utilizado também como mecanismo de seleção para o ingresso no ensino superior. Foram implementadas mudanças no Exame que contribuem para a democratização das oportunidades de acesso às vagas oferecidas por Instituições Federais de Ensino Superior (IFES), para a mobilidade acadêmica e para induzir a reestruturação dos currículos do ensino médio.

Inscrições abertas para cursos à distância de capacitação da Pastoral Juvenil Os cursos “Liderança e Coordenação de Jovens” e “Assessores de Jovens”, oferecidos pela Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude, da CNBB, estão com as inscrições abertas até o próximo dia 31 de março. Os cursos são gratuitos e são oferecidos pela plataforma de Educação à Distância (EaD). Os principais objetivos dos cursos são a capacitação de jovens e assessores e também de religiosos e leigos, que desenvolvam trabalhos em grupos de jovens de paróquias, comunidades, movimentos, obras sociais, colégios, faculdades e etc., com maior dinâmica e eficiência.

A metodologia inclui o estudo de materiais via EaD também com o envio de exercícios. Para o curso de Liderança existem oficinas presenciais, e para o de Assessores, um seminário presencial. Neste ano, a novidade é a forma de disponibilização das aulas: serão todas liberadas na plataforma de uma única vez. O aluno pode verificar o conteúdo de cada aula e escolher a melhor forma e o melhor horário para realizar seus estudos. Dessa forma, terá o prazo de três meses para a conclusão do curso, podendo participar dos fóruns interativos para auxiliar

sua experiência no curso. Tanto as inscrições quanto a disponibilização de todo o material dos cursos serão feitas exclusivamente pela plataforma. Para se inscrever é preciso se cadastrar pela própria plataforma – ead. jovensconectados.org.br – e depois de criar uma conta com usuário e senha é possível realizar a inscrição em qualquer curso da Comissão para a Juventude. Se precisar de ajuda com a realização do cadastro, é só clicar aqui e acompanhar o passo a passo. Ao final do curso, o aluno poderá emitir o certificado digital do EaD gratuitamente. Para o

certificado com validade de extensão universitária, emitido pelo Centro Universitário Salesiano de São Paulo (UniSal), há uma taxa com o valor é de R$ 40,00. MAIS CURSOS

Além desses cursos, também está disponível o curso de Políticas Públicas, que busca oferecer um panorama crítico sobre o conjunto de ações públicas em favor da população promovendo a cidadania, sejam voltadas à saúde, educação, cultura, trabalho etc., colaborando para uma postura e consciência cidadãs. Dentro da Plataforma EAD Século 21, em parceria com a Comissão

para a Juventude CNBB, está disponível também o curso “Missão Jovem – Pastoral Juvenil CNBB”. “O curso visa preparar os jovens para essa vocação missionária, para que eles possam servir mais e melhor o povo de Deus e ir ao encontro do próximo, sentindose valorizado e amado por Jesus”, explica Pe Antônio Ramos do Prado, sdb, assessor nacional e um dos orientadores do curso.O Curso “Missão Jovem – Pastoral Juvenil CNBB” possui 6 videoaulas, apostilas com conteúdo complementar; discussões nos fóruns de debates e uma pequena avaliação.


12

BELÉM, DE 1 A 7 DE MARÇO DE 2019

2º Caderno

Missão de 300 anos na Amazônia

Sublimes momentos! - Abertura do Ano Jubilar (2019-2020) - Diocese de Belém do Pará - 22/02/2019 FOTOS: LUIZ ESTUMANO/ELYVANE BARBOSA