Page 1

ARQUIDIOCESE

DE BELÉM

PE. FLORENCE DUBOIS FUNDADOR

www.fundacaonazare.com.br

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

D O JORNAL CATÓLICO DA FAMÍLIA D

XCVIII - Nº 554 - PREÇO AVULSO: R$1,00 DIVULGAÇÃO

"Rezemos sempre para que haja uma grande fraternidade"

ARQUIDIOCESE

DE BELÉM

Em seu primeiro pronunciamento como sucessor de Pedro, o primeiro papa nascido no continente americano pede oração à Igreja para uma evangelização fecunda. “Talvez peco de humildade ao dizer que sou um simples representante de Deus na Terra, assim como Deus o é de mim no céu”, disse o novo Pontífice. Conheça um pouco mais sobre o novo Papa, Francisco I. CADERNO DOIS, PÁGINA 1.


2

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Opinião Alegria de ser católico João Carlos Pereira

CHARGE DO ANDRÉ ABREU

jcparis@orm.com.br

A mídia, a Capela e o Papa

E

m tempos de muita tecnologia, quando o mundo todo possui olhos eletrônicos, a cobertura da imprensa para as questões que envolveram o período da Sede Vacante e a eleição do novo Papa foi impressionante. Não por acaso, embora com certo atraso, a imprensa do mundo se ocupou do tema com interesse poucas vezes visto. De uma hora para outra, vários aspectos do conclave, da rotina da Santa Sé, dos paramentos pontifícios, dos ambientes onde o Papa vai estar ficaram debaixo dos holofotes. Mais do que isso, as discussões, fossem ao vivo, na televisão ou no rádio, fossem na imprensa escrita ou na internet sempre ajudavam a projetar luz sobre um tema fascinante. Por ser absolutamente impensável transmitir uma reunião do conclave, a mídia deixa a imaginação do planeta funcionar. A Capela Sistina foi o foco de todas as coberturas, até que a fumaça branca saísse pela chaminé, anunciando ao mundo que a Igreja de Cristo tinha, novamente, um comando temporal. A Capela, aliás, é um dos espaços mais bonitos que conheço. Já tive a chance de visitá-la em diferentes ocasiões e sempre que puder irei me encantar com os afrescos de Michelangelo, pensando que, naquele espaço sagrado, foram eleitos todos os pontífices da era moderna. Para chegar à Capela é preciso passar por uma entrada suntuosamente moderna, onde estão localizadas as bilheterias. A partir dali, encontram-se tesouros da história da arte em toda extensão de jardins, salas e corredores. O acesso se dá por uma portinha e, lá dentro, a genialidade humana se abre à contemplação. É proibido fotografar e filmar, mas equipes de televisão dariam tudo para conseguir uma imagem do conclave. Por enquanto, não dá nem para sonhar com essa possibilidade, mas a história do Papado começa, invariavelmente, naquela parte do Vaticano, que vive, o tempo todo, apinhado de turistas.

Comente esta charge: voz@fundacaonazare.com.br Jornalista e professor

Panorama José Pereira Ramos joseulina@oi.com.br

“Quem estiver sem pecado... atire a primeira pedra”.

N

Economista e escritor

este 5º Domingo da Quaresma, a liturgia coloca João narrando o conhecido episódio da acusação dos mestres da lei e dos fariseus à mulher adúltera. A calma resposta do Mestre foi muito simples, mas, tremendamente contundente: “Quem de vós ESTIVER sem pecado, seja o primeiro a lhe atirar uma pedra”, diálogo que terminou com uma sentença de perdão: “Vai e não tornes a pecar”. Estamos convivendo, com a propaganda política na TV, em que chefes de partidos apresentam-se insistentemente, como os mais honestos do mundo, fazendo promessas balofas. No campo internacional o mais importante é a eleição do próximo Papa, provocando comentários de quem quer aparecer na mídia, com distorções de realidades e insinuações maliciosas.

Encontro fraterno Ivens Coimbra Brandão

ivenscb@oi.com.br

Homem justo

O Engenheiro civil e escritor

tema do presente texto foi sugerido pela minha esposa. Quando ficamos noivos – já se vão 55 anos – ela pediu que o casamento se realizasse no dia 19 de março, dia de São José, homem justo, esposo de Maria, chefe da Família Sagrada. No entanto, as circunstâncias do momento levaram a celebração para a primeira quinzena de junho, em pleno período Antoniano. Nossos filhos receberam no Batismo dois nomes próprios. De minha parte, queria que fossem de fácil pronúncia, e começassem com as primeiras letras do alfabeto. O primogênito teve o segundo nome escolhido pela avó pater na, enquanto as mulheres, por vontade da mãe, foram agraciadas com o nome de Maria, seja no primeiro ou no segundo nome. Contudo, a devoção daquela jovem

Fundado em 5 de julho de 1913

ARQUIDIOCESE DE BELÉM-PARÁ

FUNDADOR Pe. Florence Dubois, barnabita PRESIDENTE Dom Alberto Taveira Corrêa Arcebispo Metropolitano de Belém do Pará VICE-PRESIDENTE Monsenhor Marcelino Ferreira Vigário geral da Arquidiocese de Belém do Pará

Os inimigos da igreja aproveitam a oportunidade para jogar pedras, espalhar intrigas, num momento que exige muita reflexão, firmeza na fé, e observância das mensagens evangélicas. Como seria bom que esses comentaristas se recordassem das palavras de Jesus: “Quem de vós ESTIVER sem pecado ...... Como escrevi na semana anterior, o momento é de oração. Vamos rezar muito e oferecer alguma renúncia durante esta Quaresma, nestes dias em que os Cardeais estão em clausura, com a responsabilidade de escolher o homem que em nome de Jesus, vai dirigir a nossa Igreja em todo o mundo, enfrentando todos os modismos e todas as tecnologias que difundem costumes fora dos preceitos de Deus. Sobre os pais cristãos, recai uma grande responsabilidade na educação de seus filhos. A mesma tecnologia que agrega grande manancial de informações técnicas e científicas, está recheada de informações e até ofertas de coisas detestáveis, imorais, que deturpam a formação mortal e intelectual do jovem. Que cada um de nós saiba se arrepender e “não voltar a pecar”. a São José permaneceu latente em seu coração. Quando nasceu aquele que seria o filho caçula, eu escolhi o primeiro nome, e ela o segundo: José. A todos contemplando, o neto caçula, nascido no período Antoniano recebeu como primeiro nome, o do Batismo de Santo Antônio, Fernando, e o segundo... José. “Segundo a tradição católica, celebrava-se a festa de São José já no século IV(...) O nome de São José aparece pela primeira vez mencionado em 19 de março nos martirológios de Reims. Pela primeira vez esta festa foi celebrada pelos beneditinos da Abadia de Winchester no ano de 1030 (...) Em 1621 o Papa Gregório XV incluiu a festa entre as de preceito. Em 1651 a festa foi fixada em 19 de março.” (Aquino, Felipe – O Glorioso São José - 3ª ed. Lorena: Cléofas 2010). José, filho de Davi, “era justo” (cf. Mt 1, 19), que na linguagem bíblica significa repleto de todas as virtudes. Foi escolhido por Deus para ser o esposo de Maria (cf. Mt 1, 20), sendo proclamado pelo Papa Pio IX, no dia 8 de dezembro de 1870, Padroeiro da Igreja Católica. Glorioso São José, rogai por nós!

DIRETOR GERAL Monsenhor Raimundo Possidônio DIRETORA ADMINISTRATIVO E FINANCEIRO Marluce Guerreiro Milhomem DIRETOR DE COMUNICAÇÃO Mário Jorge Alves DIRETOR DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS Arnaldo Pinheiro COORDENAÇÃO Franklin Salvador (DRT/PA 2242)

Sua voz A música ajuda a rezar de que forma?

CONSELHO DE PROGRAMAÇÃO E EDITORAÇÃO João Carlos Pereira Padre Nilton Cezar Reis Padre Cláudio de Souza Barradas EDITORAÇÃO ELETRÔNICA Sérgio Santos (DRT/PA 579) Assinaturas, distribuição, administração e redação Avenida Governador José Malcher, Edifício Paulo VI, 915 CEP: 66055-260, Bairro Nazaré, Belém - Pará Telefones: (91) 4006-9200/ 4006-9209.

A música é uma oração completa e nos ajuda quando nos faltam palavras, sem contar que é uma forma de evangelizar. IVONE ARAÚJO, pedagoga, 42 anos Quando cantamos rezamos duas vezes, nos aproximamos mais de Deus, nos ajuda a estar em intimidade com Ele. O canto prolonga-se e permanece no silêncio do coração, mesmo quando ficamos sós. CLEONICE VILHENA, comerciante, 51 anos Ela ajuda muito. Na forma de relaxamento, preparando meu espírito para receber as graças divinas. NILZA BARBOSA, secretária, 48 anos

Fax: (91) 4006-9227 Redação: (91) 4006-9200/ 4006-9238/ 4006-9239/ 4006-9244/ 4006-9245 Site: www.fundacaonazare.com.br E-mail: voz@fundacaonazare.com.br Um veículo da Fundação Nazaré de Comunicação CNPJ nº 83.369.470/0001-54 Impresso no parque gráfico de O Liberal

FUNDAÇÃO NAZARÉ DE COMUNICAÇÃO


3

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Arcebispo Conversa com meu povo Dom Alberto Taveira Corrêa Arcebispo Metropolitano de Belém do Pará

Vai e não peques mais

D

esejo encontrar-me com os pecadores, os marginalizados, os que precisam de conversão, os presos, drogados, ladrões, assassinos. Quero também visitar aquelas pessoas que não são ou não se sentem tão “pecadores públicos”. A todos os que se reconhecem frágeis pelo mundo afora, entro na casa de seu coração para desejar-lhes a paz que vem de Jesus Cristo (cf. Mt 10,12). Começo meu diálogo e minha oração olhando para o espelho cristalino da Palavra de Deus, colocando-me no centro, sabendo, junto com São Paulo, que “é digna de fé e de ser acolhida por todos esta palavra:

sempre submetidas ao vento do Espírito, que apaga todas as tenebrosas histórias contadas nas páginas policiais da história. Entra no coração dos que só propagam o mal! Peço-te que entres, com tua graça, em todos os recantos de nossa cidade e do mundo, vielas ou avenidas em que prospera a maldade e a injustiça. Bem amado de nossa alma (cf. Cântico dos Cânticos 3-4), sai pelas ruas do mundo, para fazer de cada alma uma pessoa amada. Como em ti tudo foi criado, desperta no coração de cada pessoa o plano de Deus a respeito de sua vida! Apresento-te, Cordeiro Imaculado que tiras o pecado do mundo, as fraquezas das pessoas que hoje

Faze de tua Igreja, conduzida pelo sucessor de Pedro, mensageira e portadora da paz e do perdão Cristo Jesus veio ao mundo para salvar os pecadores, dos quais eu sou o primeiro. Mas alcancei misericórdia”. (I Tm 1,15-16). Senhor Jesus, um dia encontraste uma mulher adúltera (Jo 8,1-11), candidata ao apedrejamento. Aconteceu ali a maravilhosa história, na qual os homens e mulheres de todos os tempos podem se aventurar. Agradeço-te pelo teu olhar sincero, com qual desmontaste as tramas dos acusadores daquela pobre mulher. Contemplo em teu amor a linda história que preencheu de alegria o dia de minha ordenação episcopal, quando ouvi o relato de uma antiga prostituta, trazendome de presente um verdadeiro ramalhete de graças: “Vinte e cinco das minhas antigas companheiras deixaram a prostituição porque você tinha dito que Maria conduz o povo para uma terra onde todos têm valor!” Eram fatos de muitos anos passados! Os méritos são teus, Filho Amado da Mãe bendita entre todas as mulheres da terra. Louvo-te, Senhor, porque tudo o que me ensinaste quando me puseste em contato com os jovens e adultos drogados, desejosos de encontrar uma estrada nova na vida. Obrigado porque eles aprenderam, na graça chamada “Fazenda da Esperança”, que há um só caminho para sair de qualquer droga existente na face da terra, mesmo aquelas que não têm tal nome: viver a palavra do Evangelho, dar o passo do amor ao próximo e partilhar com abertura de alma as experiências positivas. Como já plantaste o bem no coração de cada pessoa humana, sei que o resto será sempre feito tão somente por ti. Obrigado porque este segredo se espalha pela terra, para a cura de tantos vícios! Agradeço-te pelos dedos com que escreveste na areia, pedindo-te que as histórias dos pecados sejam

DIVULGAÇÃO

pensam não ser capazes de se levantarem da lama. Peço-te a graça do encontro com algum dos teus discípulos ou discípulas, capazes de acender a chama da esperança para todas elas. Olha para as pessoas que foram feridas pelo escândalo provocado pelos cristãos. Varre com tua presença salvadora a sujeira da maldade e do fingimento, presente nos corações dos que dizem professar a fé. Purifica as intenções, faze puros os corações e limpas as mãos (cf. Sl 24). Apresento-te, Senhor Jesus, tantas crianças e jovens iniciados no crime pelas nossas ruas. Tem presente em teu amor misericordioso os pequeninos cujos olhares se tornam tão cedo furtivos e medrosos. Limpa-os com um novo colírio (cf. Ap 2,19) para recobrarem a inocência de seus olhos. Lava na fonte que brota de teu lado aberto as roupas sujas de todos nós, pela força de teu amor misericordioso. Senhor, quando a mulher adúltera se viu diante de ti, depois de se afastarem todos os acusadores, tu não a condenaste, mas abriste o horizonte para todos os que depois dela se experimentaram pecadores e frágeis: “Nem eu te condeno. Podes ir e de agora em diante, não peques mais” (Jo 8,11). Tu não te acomodas com nenhum pecado. Já que “tiras o pecado do mundo”, podes amar os pecadores e abominar o pecado. Dá-nos, pois, repulsa a todo tipo de maldade e pecado! Esquadrinha, nestes dias de Quaresma, o mais íntimo de nossos corações, para que se faça luz e a misericórdia vença o pecado. Faze de tua Igreja, conduzida pelo sucessor de Pedro, mensageira e portadora da paz e do perdão. Que seja corajosa na proclamação da verdade do Evangelho e cheia de mansidão para ir ao encontro dos pobres e pecadores. Dá-lhe a

graça, na nova etapa que se inicia em sua história maravilhosa, de submeter à força de tua Palavra, que é a Verdade, todas as pessoas e estruturas empenhadas na Evangelização. Concede a todos os cristãos a certeza da força redentora de teu Evangelho. Saibamos cantar com toda a força de nossa alma: “Vitória, tu reinarás, ó Cruz, tu nos salvarás! Brilhando

sobre o mundo, que vive sem tua luz, tu és um sol fecundo de amor e de paz. Aumenta a confiança do pobre e do pecador, confirma nossa esperança na marcha para o Senhor. À sombra dos teus braços a Igreja viverá, por ti, no eterno abraço, o Pai nos acolherá. Vitória, tu reinarás, ó Cruz, tu nos salvarás”.


4

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Liturgia Homilia dominical Padre Romeu Ferreira romeufsilva@gmail.com

A) Texto: Jo 8,1-11.

Formado em Exegese pelo Pontifício Instituto Bíblico de Roma

1Jesus foi para o monte das oliveiras. 2 De madrugada, voltou de novo ao templo. Todo o povo se reuniu em volta dele. Sentando-se, começou a ensinálos. 3 Entretanto, os mestres da lei e os fariseus trouxeram uma mulher surpreendida em adultério. Colocando-a no meio deles, 4 disseram a Jesus: “Mestre, esta mulher foi surpreendida em flagrante adultério. 5 Moisés na lei mandou apedrejar tais mulheres. Que dizes tu?”6 Perguntavam isso para experimentar Jesus e para terem motivo de o acusar. MasJesus, inclinando-se, começou a escrever com o dedo no chão.7 Como persistissem

em interrogá-lo, Jesus ergueuse e disse: “Quem dentre vós não tiver pecado seja o primeiro a atirar-lhe uma pedra”. 8 E, tornando a inclinar-se, continuou a escrever no chão.9 E eles, ouvindo o que Jesus falou, foram saindo um a um, a começar pelos mais velhos; e Jesus ficou sozinho com a mulher que estava lá, no meio do povo.10 Então Jesus se levantou e disse: “Mulher, onde estão eles? Ninguém te condenou?” 11 Ela respondeu: “Ninguém, Senhor”. Então Jesus lhe disse: “Eu também não te condeno. Podes ir, e de agora em diante, não peques mais”. B) COMENTÁRIO Onde quer que Jesus fosse ou fizessealgo, as pessoas o procuravam: uns com bom coração e outros não; Jesus não fazia distinção e atendia a todos. Os maldosos queriam difamá-lo e apresentaram um caso: “Mestre,

esta mulher foi surpreendida em flagrante adultério. 5 Moisés na lei mandou apedrejar tais mulheres. Que dizes tu?”(v 5). Era uma nítidaarmadilha, para ele. Ora, se Jesus dissesse: “Que seja apedrejada!”, diriam os tentadores: “vejam o ‘bonzinho’ que agora manda matar!”;”Onde está o defensor da vida?”... E se Jesus dissesse: “Que não a apedrejem!”, comentariam: Ele está contra a Lei de Moisés; ele não vem de Deus. Não demosatenção a seus ensinamentos! Era uma encruzilhada difícil: “Se correr o picho pega, e se ficar o picho come”; ‘a tua presença me mata, e na tua ausência eu morro!’. O mestre deu um tempo...”Como persistissem em interrogá-lo, Jesus ergueuse e disse: ‘Quem dentre vós não tiver pecado seja o primeiro a atirar-lhe uma pedra’” (v 7). A determinação do mestre foi clara: se ela pecou deve ser punida, porém não por pecadores! Quem nunca pecou,

quem não tiver pecado seja o primeiro a atirar-lhe uma pedra. A mulher, de joelhos e com as mãos na cabeça esperou o impacto das pedradas... E nada. Respirou fundo... olhou ao redor e só viu Jesus (v 9).Um comentário antigo diz: “só ficou a miséria e a misericórdia”. AssimJesus lhe disse: “Mulher, onde estão eles? Ninguém te condenou?” (v 10). Ela respondeu: “Ninguém, Senhor”. E pensando em seu adentro,ela concluiu certamente: Ninguém; mas de ti eu não escapo, pois és o único que não tens pecado! Então Jesus declarou: “Eu também não te condeno”. Logo pensariam os adversários, criticando: Ah, como assim, o mestre vai contra a Lei? E Jesus conclui em g e s t o n o b re , a b r i n d o u m leque de esperança para a pecadora:”Podes ir, e de agora em diante, não peques mais” (v 11).Deus sempre nos dá uma chance! Aproveitemo-la!

Liturgia da Semana w Dia 15, sexta-feira Cor (roxo) Primeira leitura (Sb 2,1a.12-22) Responsório 33 (34) Evagelho (Jo 7,1-2.10.25-30) w Dia 16, sábado Cor (roxo) Primeira leitura (Jr 11,18-20)

Responsório (7,2-3.9bc-10.11-12) Evangelho (Jo 7,40-53) w Dia 17, domingo Cor (roxo) Primeira leitura (Is 43,16-21) Responsório 125 (126) Evangelho (Jo 8,1-11)

w Dia 18, segunda-feira Cor (roxo) Primeira leitura (Dn 13,1-9.15-17.19) Responsório 22 (23) Evangelho (Jo 8,12-20) w Dia 19, terça-feira Cor (branco) Primeira leitura

(2Sm 7,4-5a.12-14a.16) Responsório 88 (89) Evagelho (Mt 1,16.18-21.24a ou Lc 2,41-51a) w Dia 20 quarta-feira Cor (roxo) Primeira leitura (Dn 3,14-20.24.49a.91-92.95)

Responsório (Cânt: Dn 3,52.53.54.55.56) Evangelho (Jo 8,31-42) w Dia 21, quinta-feira Cor (roxo) Primeira leitura (Gn 17,3-9) Responsório 104 (105) Evangelho (Jo 8,51-59)

Santos da semana Benedito Otávio (artpresent@hotmail.com) 15/03 - SEXTA-FEIRA São Longino ou Longuinho - Soldado romano e Mártir

19/03 - TERÇA-FEIRA Beato André Gallerani - Leigo e fundador

Em latim longi - longo; e inus - no interior. Ou seja, por mais que tenhamos nossas superstições em dar três pulinhos e pedir a são longuinho, o que mais importa é, como explica seu nome latino, segundo a tradição, a importância de ele ter ferido Nosso Senhor em seu lado, um longo e profundo ferimento até seu Sagrado Coração, a fim de nos mostrar do que precisamos à nossa salvação: sangue e água; eucaristia e batismo; divina misericórdia. Após sua conversão, ele teria ido para Capadócia evangelizar, até encontrar sua coroa de martírio que foi por decapitação. Os orientais celebram 16 de outubro.

De uma nobre família de Siena, Itália, século XIII. Sua vida é marcada por um assassinato e uma condenação ao exílio. Porém, não foi descoberto, até então, sua culpa ou inocência neste crime. Mas é conhecido que ao voltar do exílio, resolve praticar a caridade sem o ingresso ou ajuda de qualquer ordem religiosa. Funda então o Hospital da Misericórdia com sua fortuna e consegue seguidores. Foram chamados de “Frades, ou Irmãos da Misericórdia”. A religiosidade deles se assemelhava aos franciscanos ou dominicanos.

16/03 - SÁBADO Beata Benedita de Assis Em torno de Santa Clara é conhecido algumas clarissas que chegaram aos altares, porém Benedita não é muito famosa. Mesmo assim ela ingressou em 1214 no mosteiro de S. Damião permanecendo até 1260. Há uma história não confirmada que ela teria sido abadessa em Siena. Teve papel importante no processo de canonização de São Limpar. Após a morte de Clara, participou do início da construção da Basílica dedicada a santa Clara. No Martirológio consta que ela “brilhou na prudência singular e grande reputação de virtudes e milagres”. Faleceu em 1260. 17/03 - 5º DOMINGO DA QUARESMA São Gabriel Lalemant - Jesuíta e Mártir

Parisiense nascido em 1610 e ingressado na Companhia de Jesus, juntamente com ingleses, franceses como ele, espanhóis, formavam o exercito do velho mundo para evangelizar o novo mundo do período colonial. Para Gabriel coube-lhe as terras dos Hurons, indígenas da Nova França, hoje o Canadá. Eles relutavam muito a se adequar aos novos costumes e fé, mas o pior veio com um ataque de outra tribo, os Iroquois, muito violentos principalmente com os missionários, ele foi muito torturado, empalado e finalmente teve o crânio esmagado por um tacape.

20/03 - QUARTA-FEIRA Beato Batista Spagnoli - Carmelita Descalço

18/03 - SEGUNDA-FEIRA Alexandre ou Alessandro de Jerusalém - Bispo e Mártir Neste dia se comemora o doutor da Igreja Cirilo de Jerusalém, séc. IV, é também de Alexandre, séc. III. Construiu uma biblioteca para por em prática seus ensinamentos que trouxera de Alexandria. Foi o primeiro bispo da Capadócia e na perseguição do imperador Sétimo Severo, foi preso. Mas com a morte do imperador, foi libertado e veio a Jerusalém rezar nos lugares sagrados. Lá foi convidado a ser bispo-coadjutor. Com a morte do titular, Narciso, assumiu o cargo. Em 251, desta vez sob a perseguição de Décio, morre na prisão.

Nasceu em Mântua, 1447. Ingressou entre os Carmelitas de Ferrara. Foi mestre em teologia em Bolonha. Assumiu várias posições em vários mosteiros, e por seis vezes foi vigário geral de sua congregação. E no final de sua vida foi prior geral da ordem carmelitana. Em 1513, foi convidado a participar do Concílio de Latrão. Em 1515 torna-se diplomata de Leão X, para negociar a paz entre os reis da França e o duque de Milão. Tudo isso não distraía sua vida interior e sua forte devoção a Nossa Senhora. Morreu em Mântua, 516. 21/03 - QUINTA-FEIRA Beato Miguel Gomez Loza - Leigo e mártir Nascido em Tepatitlán, México, 1888, de família camponesa, teve de ajudar sua mãe viúva desde pequeno. Mas como era um escolhido do Senhor, na idade adulta tornou-se advogado e um incansável promotor da Doutrina Social da Igreja, superando milhares de dificuldades. Como se era de esperar foi preso 59 vezes na defesa da fé e moral. Foi casado e teve três filhos. Sua luta atingiu seu desfecho na perseguição mexicana, onde Miguel foi preso e executado em 1928. Bento XVI beatificou-o em 20 de novembro de 2005.


5

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Juventude IVAN CARDOSO

w SÍMBOLO DO CRISTÃO Jovens estendem a réplica da cruz da JMJ

IVAN CARDOSO

w UNIÃO Grupos de jovens se únem em oração pelos seus direitos

JOVENS. COM

Encontro uniu juventude católica Cerca de 4 mil livros do Youcat foram distribuídos

A

pós o lançamento da Campanha da Fraternidade, promovido pela Igreja Católica na quarta-feira de cinzas (11) de fevereiro. A Arquidiocese de Belém realizou no último domingo (10), no ginásio de esportes do Colégio Marista Nossa Senhora de Nazaré um encontro voltado para a classe jovem de Belém. A organização teve assinatura do Setor Juventude Arquidiocesana, que trabalha em sintonia com as demais comunidades, movimentos e pastorais para promover o jovem cristão na sociedade. O evento foi a oportunidade para marcar o lançamento oficial do Setor Juventude na Arquidiocese de Belém e preparar os jovens para Jornada

Mundial da Juventude (JMJ), com data definida para acontecer em julho deste ano, no Rio de Janeiro. A proposta do encontro, na capital, trabalhou as temáticas do Ano da Fé, Campanha da Fraternidade e do catecismo jovem: o YOUCAT, ideia do Papa Bento XVI, hoje, Papa Emérito, para evangelizar o jovem e torná-lo um missionário da palavra de Deus. Na ocasião foram disponibilizados cerca de 4 mil livros do YOUCAT para os participantes. “A ideia é que, o jovem é alegre e dinâmico. Então, pensamos em promover um encontro com apresentações, com danças, músicas, peças teatrais e também um encontro informativo. Afinal, a intenção desse

encontro é promover a formação desse jovem nos três eixos temáticos abordados durante o encontro, que são a C.F, a JMJ, o Ano da Fé e, também, o YOUCAT”, explicou a coordenadora do evento, Alessandra Pantoja. Com uma programação animada, o evento reuniu novas comunidades, grupos de paróquias e movimentos, que lotou o espaço cedido pelo Colégio Nossa Senhora de Nazaré. A participante Joelma Ferreira integrante da Paróquia de Santa Maria Gorete, disse estar muito animada com o encontro: “isso nos dá força para lutar e assumir Jesus como filosofia de vida”. A lista das apresentações contou com as bandas da Comunidade Católica Caju, Shalom e Maíra e a exibição de peças teatrais, incluindo dança artísticas.

O Arcebispo Metropolitano da Arquidiocese de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, esteve presente para direcionar o encontro e celebrar o encerramento com a santa missa. “A minha proposta é que os jovens recebam este livro no coração. O YOUCAT é uma herança rica que o Papa Bento XVI nos deixou. Eu desejo que os jovens acolham este livro como discípulos. Durante o encontro eu vou explicar ao movimento o que eu espero dos jovens, enviados e mandados pela igreja para serem missionários no meio dos outros jovens”, frisou o Arcebispo de Belém. No final da missa do encontro jovens. com, Dom Alberto, deu a bênção aos missionários jovens para que usem o YOUCAT como manual de sua missão.

Celebração ecumênica reúne jovens na Igreja dos Capuchinhos Na última sexta-feira (8), a Igreja dos capuchinhos foi palco de um momento único de amor e união. Fogos de artifício deu início a missa, que foi presidida pelo Bispo Auxiliar de Belém, Dom Teodoro Mendes. O sacerdote está à frente da Comissão Arquidiocesana de Pastoral Ecumênica para unir as pessoas em nome de Deus. A celebração contou com a presença de muitos jovens. Na Igreja matriz da paróquia de São Francisco de Assis localizada no Bairro do Guamá, houve o encontro de algumas igrejas cristãs.

“É função do cristão professar a fé no ecumenismo e dar a possibilidade a todos de testemunhar está unidade, pois, Jesus na oração sacerdotal disse: que todo seja um, para que o mundo creia”, frisou Dom Alberto Corrêa Taveira. A celebração foi promovida pela Pastoral Ecumênica. “Como Pastoral Ecumênica da nossa Arquidiocese, achamos melhor realizar dentro da Quaresma esta celebração. Quisemos assim realizar esta celebração e convidando não apenas os católicos, mas também os cristãos de outras igrejas”, explicou Dom Teodoro.

YOUCAT

DIVULGAÇÃO

w CELEBRAÇÃO Dom Teodoro esta a frente da Pastoral Ecumênica

PRIMEIRA PARTE

Em que cremos

15

Como pode a Sagrada Escritura ser “Verdade”, se nem tudo o que nela se encontra está correto?

E

m preparação à Jornada Mundial da Juventude (JMJ Rio2013), o jornal Voz de Nazaré inicia seus estudos sobre o YOUCAT que é o Catecismo da Igreja Católica, escrito para JOVENS que querem saber em que acreditam. Desde a edição anterior começamos a seguir a numeração na ordem do Youcat das perguntas.

A Bíblia não transmite precisão histórica nem conhecimentos científiconaturais. Também os autores eram filhos do seu tempo. Eles partilhavam as concepções culturais do seu ambiente, em cujos erros, por vezes, estavam presos. Não obstante, tudo o que o ser humano precisa saber sobre Deus e sobre o caminho da sua redenção encontra-se com infalível segurança na Sagrada Escritura.[106-107,109]

16

Como se lê a Bíblia corretamente?

A Sagrada Escritura lê-se corretamente se for lida em atitude orante, ou seja, com a ajuda do Espírito Santo,sob cujo influxo ela surgiu. Ela contém a palavra Deus, isto é, a decisiva mensagem de Deus para nós.[109-119,137]

A Bíblia é como uma longa carta de Deus dirigida a cada um de nós. Por isso, temos de acolher as Sagradas Escrituras com grande amor e respeito. Primeiro, devemos realmente ler a carta de Deus, isto é, não isolar pormenores sem atender ao todo. depois, devemos orientar esse todo para o seu coração e mistério, ou seja, para Jesus Cristo, de quem fala toda a Bíblia, mesmo o Antigo testamento. Portantp, devemos ler as Sagradas Escrituras na mesma f´pe viva da Igreja em que elas surgiram.491


6

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Social LUIZ ESTUMANO

ENTREVISTA

Mais direitos aos que mais precisam Promotor de Justiça esclarece direitos e deveres das Pessoas com Deficiência

P

ara esclarecer as políticas de inclusão social para as pessoas com deficiência, o Jornal Voz de Nazaré entrevistou o jurídico Waldir Macieira da Costa Filho, 48, é Promotor de Justiça titular da Promotoria de Justiça de Defesa da Pessoa com Deficiência, Idosos e Acidentes do Trabalho, em Belém junto ao Ministério Público do Estado do Pará. Atua no MPE há 23 anos, e, especificamente, naquela Promotoria desde abril de 1996. Atualmente, o promotor de justiça é conselheiro nacional junto ao CONADE, Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, órgão ligado à Presidência da República, e membro da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, eleito representante para vaga destinada do Ministério Público, em dezembro de 2012. Em 2012, Macieira palestrou em diversas capitais do Brasil, incluindo Brasília, durante a Conferência Nacional da Pessoa com Deficiência, somente em Belém foram oito palestras, sobre legislação e direito da pessoa com deficiência. Leia a entrevista: F VOZ : O q u e f i c o u

decidido no encontro do Conselho Nacional da Pessoa com Deficiência recentemente em Brasília?

I M A C I E I R A : Fo i realizada a posse dos novos conselheiros para o biênio 2013/2014, a fim de acompanhar e deliberar sobre a política nacional direcionada as pessoas com deficiência. A partir desse mês será decidido o cronograma das atividades e monitoramento das políticas a nível nacional e regionais em relação às pessoas com especificidades. Há muito a se fazer. Quanto a questão da educação inclusiva já está inserido, na própria Constituição da República de 1988, em seu artigo 205, que afirma que a educação é um direito de todos e dever do estado e da família, e será promovida e incentivada c o m a c o l a b o ra ç ã o d a

sociedade, “visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho”. Constituindo, a i n d a , c o m o d e ve r d o Estado o atendimento educacional especializado às pessoas com deficiência, preferencialmente na rede regular de ensino (artigo 208, III, da CF). Nesse mesmo sentido a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência da Organização das Nações Unidas, ratificada pelo Brasil em 2008, e incorporada ao ordenamento jurídico pelo Decreto Legislativo 186/08 e pelo Decreto Executivo nº 6.949/2009, inclusive equiparada a Emenda Constitucional pela redação da EC nº 45/2004, em seu artigo 24, reconhece o direito das pessoas com deficiência à educação, e que, para efetivar tal direito, sem discriminação e com base na igualdade de oportunidade, deverão os Estados assegurar “um sistema educacional inclusivo em todos os níveis, bem como o aprendizado ao longo de toda a vida”, tendo como um dos seus objetivos “a participação efetiva das pessoas com deficiência em uma sociedade livre”. F VOZ: Quais estratégias estão em andamento no momento para alavancar a educação para os alunos com necessidades especiais no Pará?

I MACIEIRA: Não vejo defasagem ou que as escolas regulares não estejam preparadas. Se partirmos desse pressuposto nunca uma escola estará preparada para receber um aluno com deficiência, pois cada um deles tem suas peculiaridades e necessidades educacionais especiais. O importante é garantir sua inclusão no ensino regular disponibilizando matricula, professores em educação e s p e c i a l p a ra a p o i á - l o e recursos pedagógicos e, principalmente, acessibilidade. Hoje já temos um numero de escolas, seja a nível de município de Belém,

w INCLUSÃO Promotor Waldir Macieira defende os direitos das pessoas deficientes

seja a nível da Secretaria Estadual de Educação (SEDUC), razoável, da educação básica ao Ensino de Jovens e Adultos (EJA), para atender boa parte da demanda de alunos com necessidades educacionais especiais. O Estado do Pará acabou de realizar concurso público para admissão de a p rox i m a d a m e n t e 6 0 0 profissionais em educação especial para atender esse alunado, e nos temos atualmente quase 1200 profissionais em educação especial contratados temporariamente, que serão substituídos paulatinamente. Há, ainda, a implementação do Plano Existir, direcionado ao segmento das pessoas com deficiência, pelo Governo do Estado do Pará, que prevê novos investimentos nessa área, inclusive em equipamentos e recursos pedagógicos na perspectiva da educação inclusiva, seguindo o plano Viver Sem Limites do Governo Federal. Ainda precisamos avançar? - Sim, o MPE tem cobrado melhorias e aperfeiçoamento neste processo inclusivo, mas é importante ressaltar que, desde o início da implantação dessa Política Nacional do Ministério da Educação em todo o Brasil, o censo escolar registrou significativos avanços no sistema de ensino em relação às matrículas de estudantes público alvo da educação especial no ensino regular: desde o início do processo inclusivo, em 1998 a 2006, houve um crescimento de 640%, passando de 43.923 alunos em 1998 para 325.316 em 2006. De 2007 para 2010, passou-se a ter 484.332 estudantes matriculados, em classes comuns do ensino regular, totalizando uma taxa de crescimento neste período de 37%. F VOZ: Quais foram os

avanços das normas legais que garantem o sucesso na execução das leis?

I MACIEIRA: Eu elegeria

alguns pontos principais para não me alongar: na saúde, a política de orteses e próteses pelo SUS, com a gratuidade inclusive do implante coclear, bolsas de colostomia, cadeiras de rodas, além da disponibilidade de fisioterapia e outros recursos para habilitação e reabilitação, incluindo a tecnologia assistiva. No trabalho, já disse acima que a lei de cotas trouxe um novo cenário de oportunidades, além dos programas de ensino profissionalizantes e qualificação para o mercado de trabalho. No transporte, temos já muitos veículos no transporte público adaptado (em Belém temos mais de 50% da frota acessível), temos a gratuidade no transporte urbano, intermunicipal e interestadual, e o programa de aquisição de veículos com adaptação para o motorista com deficiência, além de isenção de IPI e ICMS na compra. Na educação, a política da educação especial na perspectiva da educação inclusiva, que já tirou milhares de deficientes de suas casas, onde estavam segregados, para oportunizar educação, mobilidade social e autonomia. O Programa do Beneficio de Prestação Continuada (BPC), que garante um salário mínimo a todo deficiente que não possa trabalhar, inclusive, crianças e adolescentes que estejam frequentando a escola. O lazer gratuito garantindo acesso aos cinemas, teatros e até estádios de futebol. E, as leis e políticas de acessibilidade que vão garantindo locais adaptados e a c e s s í ve i s , o n d e j á podemos ver deficientes frequentando, inclusive viajando com autonomia através do turismo acessível. Haveria muito mais, todavia isso já dá um panorama de que a realidade, hoje, é outra. Tudo resultado dessa nova sociedade surgida pós a Constituição de 1988, nossa carta cidadã.

F VOZ: Que medidas

estão sendo tomadas para incluir o portador de necessidades especiais na Jornada Mundial da Juventude (JMJ) e em outros grandes eventos?

I M A C I E I R A : A vo z d a O N U ( O rg a n i za ç ã o das Nações Unidas) está corporificada na Convenção acima dita, fruto de debates e deliberações entre representantes e para pessoas com deficiência de todo o planeta, que prega a independência, inclusive de escolhas, a autonomia, a não discriminação, a inclusão social, a oportunidade e a liberdade das pessoas com deficiência, como princípios basilares de uma sociedade inclusiva, justa e solidária. Para isso o Ministério dos Esportes deve seguir essa linha, como vimos no apoio ao esporte paraolímpico, formando e capacitando atletas com deficiência, e em relação aos eventos da copa e das olimpíadas, a necessidade de garantir acessibilidade nas arenas e e s t á d i o s p a ra a c e s s o autônomo dessas pessoas. Em relação à Jornada Mundial da Juventude, realizada pela comunidade católica e que acontecerá em nosso país esse ano no Rio de Janeiro, é uma oportunidade também de encontro e evangelização de muito jovens com deficiência, e, pelo que sei representantes dos Setores do Comitê Organizador Local (COL), reuniram recentemente com representantes das áreas de Deficiência para ampliar as medidas de a c e s s i b i l i d a d e d u ra n t e a Jornada, garantindo adaptação aos meios de comunicação oficiais, o acesso aos Atos Centrais, hospedagem e transporte acessível, isso demonstra que o tema Deficiência está na pauta de todos os eventos, reafirmando uma política internacional de inclusão das pessoas com deficiência.


7

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Social CHÁ DA AMIZADE

Cáritas mostra suas ações sociais LUIZ ESTUMANO

Fiéis conhecem projetos da instituição em chá beneficente

N

o último dia 9, a Cáritas Belém realizou um chá beneficente em prol aos projetos sociais em que a instituição de caridade atende. Participaram do evento cerca de 80 pessoas, que se divertiram com a programação especial que foi reservada para esse dia, como desfile de moda e apresentação músical. O “Chá da amizade”, nome que foi dado pela entidade, contou com a colaboração de empresários, lojistas e amigos. O objetivo foi arrecadar fundos para as ações que a Cáritas realiza em Belém, implementar novas ações e gerenciá-las. Pa ra I r i s Ro d r i g u e s , que faz parte do grupo de voluntários, a importância é muito grande, pois ajuda nos projetos que a instituição faz por Belém. “Este evento é uma promoção que realizamos dentro do cronograma de planejamento da Cáritas, objetivando arrecadar recursos financeiros para a manutenção de nossos projetos”, disse a voluntária. Os principais projetos da que estão sendo realizados em quatro ilhas de Belém

são: “Água em Casa, Limpa e Saudável” que garante o abastecimento de água p o t á ve l d a p o p u l a ç ã o das ilhas por meio do armazenamento da água da chuva, através de calhas e tubos instalados nas casas, e o “Sanitário Ecológico Seco” no qual é um sistema que respeita o meio ambiente, evitando a transmissão de doenças, que possui um baixo custo. Vera Sampaio é assessora e também faz parte dos voluntários, disse que ficou muito feliz com a realização do chá e adianto que já têm outros eventos como este, planejados para 2013. “ O saldo do evento foi muito p o s i t i vo , c o n s e g u i m o s chegar ao nosso objetivo de arrecadação”, disse a assessora.

w EVENTO Empresários, lojistas e amigos participaram da tarde do chá beneficente LUIZ ESTUMANO

SERVIÇO Para conhecer melhor os projetos da Cáritas Belém é só entrar em contato por meio dos telefones: (91) 32157002 (Cúria) e 88975641 (assessora Vera Sampaio).

w CÁRITAS Representates da equipe de Belém alegram-se com os resultados alcançados COLABORAÇÃO: JOÃO PARAENSE

w TORNEIO Time brasileiro venceu adversário composto jogadores estrangeiros LUIZ ESTUMANO

w INAUGURAÇÃO Dom Teodoro Mendes abençoou o Ginásio Dom Guido Conforti

Torneio inaugura Centro de Formação Dom Guido Conforti De um lado padres e leigos representando o Brasil e de outro sacerdotes estrangeiros representando seus respectivos países. Foi dessa forma que o Centro de Formação Dom Guido Conforti, que também é um ginásio esportivo, pertencente à Paróquia Santo Antônio de Pádua, localizada no bairro do Coqueiro, foi inaugurado no último dia 9. Houve uma celebração eucarística presidida pelo bispo auxiliar de Belém, dom Teodoro Mendes Tavares, no qual o ginásio recebeu a benção, e logo em seguida começou o I Torneio Intercontinental. O jogo teve uma hora de duração e o time dos padres brasileiros ganhou de 9X8 dos padres estrangeiros. Ao final da partida, dom Te o d o ro re c e b e u u m troféu como forma de premiação, e os demais

padres receberam medalha de outro. Segundo o pároco da paróquia, Pe. Igino Sala, ninguém saiu perdendo, todos ganharam, pois foi um jogo da amizade. O ginásio foi construído como espaço de lazer, reunião, entre vários outros eventos. A arrecadação de recursos financeiros foi por meio de colaborações de todas as comunidades da paróquia, benfeitores, eventos e rifas realizados pelos membros da igreja. Para o pároco, a alegria é muito grande em ver um projeto seu, sendo idealizado. “A inauguração foi ótima, foi muito bom ver tantas pessoas felizes. O centro foi uma realização da paróquia, pois agora, nós temos um lugar reservado ao lazer, e também podemos por meio dele formar e educar no ramo esportivo”, explicou o pároco.


8

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Em Nazaré FORMAÇÃO

Jesus, exemplo de vida aos jovens Basílica Santuário de Nazaré promove estudo sobre os jovens segundo o Evangelho de São Lucas

U

m testemunho sobre o estudo de Lucas (Ano C da Liturgia católica) que valorizou a Campanha da Fraternidade, promovido pela Escola Nazarena da Fé com o CEBI, de 19 a 22 de fevereiro, no Centro Nazaré. Segundo a coordenação, foram quatro dias para compartilhar e aprender estudando juntos o Evangelho de Lucas. E no início nos foi pedido que o lêssemos e interpretássemos com os olhos da juventude. Ouvimos opiniões dos mais jovens, dos adultos e daqueles sábios com juventude acumulada, e o que pudemos apreender ao final desta comunhão? É certo que Jesus quer que sejamos jovens. Mas não naquele conceito de jovem que nossa sociedade atual faz, com a busca pela fonte da juventude física, com academias, cirurgias e cremes milagrosos. A juventude que Jesus nos pede é ser jovem, e não simplesmente estar jovem. É a sabia diferente entre o ato e a atitude. Mas, o que é juventude, afinal? Juventude é destemor. É aquela coragem e até despeito de fazer-se ouvir quando somos ignorados por todos à nossa volta. Juventude é a imensa vontade de mostrar ao mundo quem se é, e a que viemos. É gritar a plenos pulmões quando algo está

errado e sacudir aqueles que pela descrença ou desesperança já não tenham mais ânimo para lutar. Enquanto os adultos estão preocupados demais em pagar as contas, e os velhos procurando cada vez mais o isolamento, os jovens se unem em tribos. Sem motivo assim tão importante, eles se juntam apenas para estar perto daqueles que julgam seus amigos. Ora, Jesus também era ladeado por seus amigos. Gritou ao mundo a sua mensagem e se fez ouvir, mesmo quando os corações pareciam já estar desacreditados do amor. Jesus foi jovem, e ainda o é até hoje! Sugiro que, a partir de então, esqueçamos ser adultos ou velhos, para sermos de agora em diante, apenas jovens. Acolhamos a Palavra de Deus com entusiasmo e entendamos que é preciso mostrar ao mundo a nossa missão. A missão de apóstolos do maior ensinamento que Jesus nos deixou: o amor ao nosso próximo. Vamos todos nos reunir nesta tribo tão antiga e tradicional que é a nossa Igreja e façamos dela uma Igreja jovem. Porque o DeusHomem afirmou ser dos jovens o Reino dos Céus. Ana Celeste Figueiredo Leitão da Silva Uma jovem, em busca da juventude.

COLABORAÇÃO: PE. JOSÉ RAMOS

w PELA JUVENTUDE Paroquianos de Nazaré participam de quatro dias de formação

Começa amanhã a Festa do Glorioso Patrono, São José Programação vai até 19 de Março na Basílica Na próxima terça-feira, 19 de Março, é celebrada a Solenidade de São José. Neste dia, a Igreja recorda solenemente a santidade de vida do seu patrono. Em homenagem, a Basílica Santuário de Nazaré realiza uma programação da Festividade de São José que tem sob coordenação o reitor Pe. José Ramos, e acontece entre os dias 15 e 19 de Março. Esposo da Virgem Maria, modelo de pai e esposo, protetor da Sagrada Família. O culto a São José começou provavelmente no Egito, passando mais tarde para o Ocidente, onde hoje alcança grande popularidade. Em 1870, o papa Pio IX o proclamou “O Patrono da Igreja Universal” e, a partir de então, passou a ser cultuado no dia 19 de março.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DA FESTIVIDADE DE SÃO JOSÉ: 15.03 Missa às 7h; Oração do altar do Santo; Café para idosos na Casa de Plácido. 16.03 Missa às 7h; Oração no altar do Santo. 18.03 Missa às 7h; Oração no altar do Santo; 19.03 - Solenidade de São José, padroeiro da Igreja Universal. Procissão às 6h30 ao redor da Praça Santuário; Missa solene às 7h; Oração no altar do Santo com entrega de fitas a novos associados.

ORAÇÃO Ó glorioso São José, A quem foi dado o poder de tornar possíveis as coisas Humanamente impossíveis, Vinde em nosso auxílio nas dificuldades em que nos achamos. Tomai sob vossa proteção a causa importante que vos confiamos, para que tenha uma solução favorável. Ó pai muito amado, em vós depositamos toda a confiança. Que ninguém possa jamais dizer que vos invocamos em vão. Já que tudo podeis junto a Jesus e Maria, Mostrai-nos que vossa bondade é igual ao vosso poder. São José, a quem deus confiou o cuidado da mais Santa família que jamais houve sede - nós vos pedimos - o pai e protetor da nossa. E impetrai-nos a graça de vivermos e morrermos no amor de Jesus e Maria. São José, rogai por nós que recorremos a vós.

Campanha para escolha do novo slogan da Rádio Web da Basílica O slogan deve ser composto de apenas uma frase A Basílica Santuário de Nazaré lançou, desde sexta-feira passada, uma campanha para a escolha do novo slogan da Rádio Web da instituição. O slogan, que deve ser composto de uma frase, será usado na divulgação e execução da Rádio Web, que

é transmitida por meio do endereço eletrônico da Basílica www.basilicadenazare.com. br. A campanha encerrará na próxima sexta (22). A previsão para a Rádio retomar suas atividades é de aproximadamente um mês. Nela, você poderá se informar sobre o Santuário,

ouvir louvores e orações. Pa ra p a r t i c i p a r é s ó mandar um e-mail para o correio eletrônico da Basílica ascombasilicadenazare@ gmail.com contendo a sugestão do slogan, seu nome, telefone e autorização para que sua frase possa ser usada caso seja escolhida.


9

BELÉM, DE 15 A 21 DE FEVEREIRO DE 2013

Nazaré Repórter DIVULGAÇÃO

J Campanha pela Vida O setor Juventude da Paróquia Santa Cruz, localizada no bairro do Marco, realiza no sábado (23), uma Campanha pela Vida. A ação acontecerá em três cruzamentos da Av. Almirante Barroso: Perebebuí, Lomas Valentina e Mauriti de 8h às 14h. A campanha irá abordar vários tipos de morte, tais quais:

DIVULGAÇÃO

J Kerygma realiza encontro

J Encontro de Casais

No domingo 24 de março acontece o encontro pela Cura e Libertação “Curados Para Amar” no Centro de Cultura e Formação Cristã (São Pio X), Rod. BR - 316 Km 6, Ananindeua/Pa, no horário de 8h às 18h, com louvor, oração, pregação e Santa Missa presidida pelo padre Nilton Reis. O evento terá presença do Pe. Edivânio Palmares/Recife. Mais informações: 3229 4977 ou acesse o site: www. comunidadekerygma.org.br.

A Comunidade Católica Nova Aliança realiza nos dias 5 a 7 de abril um Encontro de Casais, com o tema “Quem nos uniu foi Deus”. Entre os pregadores estão o Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, Casais das Comunidades Nova Aliança e Comunidade Restauração e Padres Salvistas. O encontro será realizado na Casa de Retiro dos Barbanitas, em Benevides. O valor da inscrição é R$ 100,00. Para mais informações: 32336772/ 8010-6025/ 8712-8334

J Procissão de Fuga de Jesus

J Encontro espiritual com a Pastoral do Dízimo Com objetivo de proporcionar um encontro pessoal com Deus a todos os dizimistas e missionários envolvidos na Pastoral do Dízimo da Arquidiocese de Belém, a EAPADI (Equipe Arquidiocesana de Pastoral do Dízimo) organizou uma ESPIRITUALIDADE, no dia 10/03, de 8:00h às 13:00h, no auditório do Centro de Cultura e Formação Cristã – CCFC, que teve como tema: DÍZIMO, UM ATO DE FÉ E GRATIDÃO A DEUS E AMOR À IGREJA. O pregador foi Dom Teodoro Mendes (Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Belém), que também presidiu a Celebração Eucarística de encerramento. Participaram cerca de 300 missionários (assessores, articuladores, coordenadores e dizimistas) das Regiões Episcopais Menino Deus, São Vicente de Paulo, São João Batista, Santa Cruz, Sant’Ana e Santa Maria Goretti. Vale ressaltar que este evento oficialmente marcou a abertura das atividades da Pastoral do Dízimo da Arquidiocese de Belém, que este ano

terá os seguintes eventos: - ENCONTRO ARQUIDIOCESANO, a ser realizado todo o terceiro sábado de cada mês, no auditório do Centro de Pastoral da Arquidiocese; - ENCONTRO REGIONAL, a ser realizado mensalmente nas Regiões Episcopais, cujos temas são: O perfil e a organização da equipe de pastoral do dízimo; Linguagem e postura do missionário do dízimo; Fortalecimento da fé; Como organizar uma celebração da partilha; Dízimo um ato de fé e gratidão a Deus e amor à Igreja; Como fazer visitas missionárias na pastoral do dízimo. - VIII CAFÉ PARTILHADO, a ser realizado em maio; - ENCONTRO COMEMORATIVO DOS 15 ANOS DE CRIAÇÃO DA EAPADI, a ser realizado em agosto; - 1ª SEMANA MISSIONÁRIA DA PASTORAL DO DÍZIMO DA ARQUIDIOCESE, a ser realizada em novembro. Confira outras fotos e informações no Blog da EAPADI: www. eapadi.blogspot.com

violência física, prostituição, aborto, eutanásia, tráfico humano, drogas, acidente de trânsito, estupro, alcoolismo. Os jovens estarão caracterizados e portarão faixas abordando cada tipo de morte. Haverá também distribuição de panfletos com uma mensagem de esperança e vida. Participe!

Na Quarta-feira Santa (27) acontece a “Procissão de Fuga de Jesus”. A caminhada sairá da Catedral da Sé com a imagem do Senhor dos Passos seguindo até a Basília Santuário de Nazaré às 19h. Participe levando sua vela ou tocha.

J Correção Diferentemente do publicado na matéria sobre os cardeais brasileiros que participaram do conclave, dom Raymundo Damasceno foi criado cardeal em 2010 por Bento XVI, hoje, papa emérito e pontífice, na época.

J Vigília pelos Mártires No dia 23 acontece uma Vigília de Oração pelos Missionários Mártires na Paróquia Transfiguração do Senhor, no bairro do Curuçambá, às 22h. A organização do Conselho dos Missionários Diocesano de Belém (COMIDI) junto com a paróquia, reservou uma programação especial para os fiéis que participarão da Vigília. Será feita pregações, testemunhos dos missionários mátires

divididas em cinco partes e um testemunho especial, de uma Irmã que foi sequestrada e irá contar como foi esse momento. A Vigília será um momento de refelxão e oração lembrando da situação dos critãos no mundo inteiro, pedindo intercessão de modo especial aos máritires e focar no tema dos missionários que estão trabalhando em situação de desafio.

COLABORAÇÃO: LUANA SANTOS

ARQUIDIOCESE DE BELÉM Associação “Obras Sociais da Arquidiocese de Belém” Assembleia Geral Ordinária Edital de Convocação

J Basílica Santuário em vigília pelo Conclave n Fonte: ASCOM Basílica O Conclave, para escolher o novo Papa, que sucede Bento XVI, começou na terça-feira (12), 12 dias após o fim do pontificado de Joseph Ratzinger, que renunciou em 28 de Fevereiro. Também neste dia, a Basílica Santuário de Nazaré fez uma Vigília, das 20h às 0h para rezar junto com seus fiéis

pelo início do Conclave. A Basílica reuniu grande número de pessoas para rezar por este momento considerado tão importante para a Igreja Católica. Conclave – Missa Pro Eligendo Pontifice abriu o conclave no Vaticano, que iniciou no dia12. Todos os cardeais presentes em Roma, eleitores ou não, participam na cerimônia, uma das mais intensas dos últimos anos.

Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo Metropolitano de Belém, no uso de suas atribuições estatutárias, CONVOCA para a Assembleia Geral Ordinária da Associação “Obras Sociais da Arquidiocese de Belém”, todos os seus sócios em plena gozo de seus direitos, conforme Artigo 10, Seção I Capítulo III do Estatuto Social, a realizar-se dia 27 (vinte e sete) de março de 2013, em sua sede principal sito à Av. Governadar José Malcher, N° 215, bairro Nazaré, nesta cidade de Belém, às 18h30m em primeira convocação ou às 19h00min, em segunda convacação, para deliberar sobre a seguinte ordem do dia - Eleger os administradores. Este edital será publicado no jornal “Voz de Nazaré” de acordo com o Art. 13, Seção I, Capítulo III do Estatuto Social. Belém, 08 de março de 2013


10

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Família “N

ada te perturbe, nada te amedronte. Tudo passa, só Deus não muda, a paciência tudo alcança. A quem tem Deus nada falta. Só Deus basta!”. Estas sábias palavras de Santa Tereza de Jesus que tantas vezes me vem à mente nos momentos de dificuldade e de angústia, são grande amparo e conforto, sinal de esperança e confiança em Deus; o que seria de nós sem esperança? Na era em que vivemos, não são poucos os momentos em que nos faltam o chão; nas crises e dissabores que experimentamos muitas vezes, quando nos assusta a banalidade da violência nas ruas da cidade, quando a vida humana é tão desprezada, desprovida do respeito por sua dignidade. Nos amedronta a covardia da violência até contra quem ainda nem nasceu, que deveria estar protegido e seguro no ventre materno, mas mesmo lá, é vítima de ações de destruição, fruto do egoísmo dos que tiveram a chance de vir à luz e se acham acima do bem e do mal e “donos” daquele pequeno ser. Nos choca também a sexualidade distorcida e reduzida ao hedonismo desenfreado e irresponsável; nos confunde o estímulo à infidelidade conjugal, tão presente e “normalizada” na programação da TV e em milhões de páginas da web, como nos indigna a farra da corrupção e os conceitos ideológicos tidos como verdades irrefutáveis, ganhando inclusive, verbas públicas para desinformar e promover o oposto à paz, estimulando o consumismo, a intolerância e o desprezo ao

Sal e Luz Leno Carmo (lenocarmo@yahoo.com.br)

Nada perturbe o vosso coração outro em troca de dinheiro, poder ou fama; alardeando que o gênero humano é movido quase que exclusivamente pelo instinto e que a liberdade pode ser vivida sem responsabilidade; nos incomoda o propagar da ditadura de um relativismo cego e cruel. Diante destes e de outros desafios, nosso coração se inquieta e parece que nossos fracassos tem um peso maior do que a realidade em que se apresentam. Criados e educados para o “sucesso”, somos levados a não aceitar perder, a não aprender com os erros ou ter de abdicar dos primeiros lugares; enfim, somos impelidos a brigar, às vezes até com Deus, quando sentimos que nossas esperanças foram em vão naquele empreendimento em que “apostamos todas as fichas”. Com o gosto amargo da tristeza em nosso coração, nos revoltamos quando alguém que amamos é levado para longe de nós, pois encaramos a morte como perda injusta. Descer de nosso orgulho, enfraquecer-se, humilhar-se, jamais! No contraponto de toda esta cultura de morte, Deus, que é amor, como nos diz São João, nos oferece a Paz, a serenidade para compreender e discernir aquilo que podemos do que não nos é permitido mudar, nos oferece sua luz para orientar-nos nas sombras que construímos em nossa vida, nos dá o Cristo para ser o

Caminho para nossa salvação. Diante das crises, não vemos oportunidades, mas um grande temor e a ameaça do fracasso, mas “tudo passa, só Deus não muda”, Ele está sempre a nos esperar e acolher-nos com seu sorriso de Pai amoroso; contudo, nós, muitas vezes, esqueceremos de buscá-Lo, esquecemos de Seu amor fiel, inabalável; de sua misericórdia, não procuramos sua mão nas horas de dor e sofrimento, quando o espírito está sentindo o peso do pecado, quando afundamos nas nossas limitações. Olhamos o furor da tempestade, os ventos em rajada, o medo, o pavor que toma conta de nossa mente; justamente na hora em

No contraponto de toda esta cultura de morte, Deus, que é amor, como nos diz São João, nos oferece a Paz

que deveríamos olhar para o Cristo, Aquele que até as águas e os ventos obedecem, como nos relatam os evangelistas. É preciso voltar-se para Deus, conduzir nosso olhar para Jesus, que está na popa do nosso barco, conosco navegando. Crises são momentos de atitudes de coragem, como assumir o compromisso permanente de nos libertarmos dos velhos hábitos que conservamos como prisões ao longo do tempo, prisões dos vícios, do comodismo, dos desejos que nos levam ao pecado e à morte. Cárceres construídos pedra por pedra por nosso egoísmo, erros que nos acompanham se não forem perdoados na confissão e mudança de atitude, chave que abre as portas para a verdadeira liberdade. Nas Sagradas Escrituras, antes das importantes ações, em geral, há a tomada de consciência, um “cair em si”, que precede a mudança e a conversão; por isso, creio que ser possível abrir os portões e contemplar o sol enquanto há vida. É preciso conjugar também a firmeza de perseverar na oração, dobrando os joelhos para tornar-se sensível a Deus, a fim de compreender e discernir o que Ele espera de nós e assim, testemunhar este amor do Pai ao mundo, com coerência e testemunho, por meio da caridade, da partilha, em especial, junto aqueles que mais necessitam. Crises fazem parte da vida humana, são “nós” que representam os momentos em que Deus nos carrega nos braços, em seu aconchego de Pai e espera de nós a fé renovada e cada vez mais corajosa. “Nada nos perturbe, só Deus nos basta!”; música para os ouvidos sensíveis ao amor divino, confiança e esperança.


11

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Entretenimento Cinema & DVD

Na Locadora

Pedro Veriano (pveriano@gmail.com)

Fantasia e romance A produção Disney é indiscutível. Mas o enredo,é oportunista, embora infantil

H

ollywood está em crise de imaginação. Saturadas as continuações de diversas histórias agora aposta no que chama de “prequel”, uma espécie de “primeiro capítulo “de velhas tramas. A que chegou esta semana aos cinemas brasileiros, “Oz, Mágico e Poderoso” diz quem foi o Mágico de Oz, aquele tipo criado por L. Frank Baum interpretado no cinema pelo ator Frank Morgan no clássico musical de 1939 dirigido por Victor Fleming. A minha geração que admirou Judy Garland cantando “Over the Rainbow” pouco se importou em quem era autoridade do reino encantado que ela, o Homem de Lata e o Leão Covarde iam procurar cantando e dançando. E eu não sei de algum texto de Baum explicando a origem do “mágico”. Os espertos roteiristas da Disney fabricaram agora a historia de um ilusionista do interior que é levado para a terra distante assumindo a profecia cultivada por um e lidando com 3 bruxas, duas más e uma boa, acabando por fomentar uma rebelião através de seus conhecimentos científicos (nem tanto de magia). O aparato da produção Disney é de uma qualidade profissional indiscutível. Mas o enredo , a cargo de Mitchell Kapner e David LindsayAbaire é indiscutivelmente oportunista, embora esteja banhado

Melhor é a exibição de 6 filmes românticos no cine Olympia. Alguns hoje em dia podem ser taxados de “bregas”, mas em sua época embalaram corações. O caso de “Candelabro Italiano”(Roma Adventure), onde Suzanne Pleshette, interpretando a orientadora de livraria, se aborrece com os patrões hipócritas e parte para a Itália onde encontra um namorado romântico como ela. A canção “Al Di Lá” marcou época. “Em Algum Lugar do Passado” (Somewhere in Time) exemplifica a imortalidade do amor através do relacionamento de um escritor do século XX com uma leitora do século XIX. O argumento do escritor de ficção cientifica Richard Matheson inspira-se num livro de Henry James que deu um belo filme em 1950:”Jamais te Esquecerei”. A historia é praticamente a mesma. Além de “O Morro dos Ventos Uivantes”, “Corações Enamorados” e “Carta de uma Desconhecida”.

wMÁGICO Oscar Diggs (James Franco) com a menina de porcelana

FABIANO MOREIRA, 52 anos, Apoio Cultural da FNC

QUADRINHOS

BOA DICA

LIVROS E CD'S

n AMOR: DOM DE DEUS, ESPIRITUALIDADE E VIVÊNCIA MATRIMONIAL E FAMILIAR, RICARDO E.FACCI(Paulinas, 107págs, R$12,50)

“Corações Enamorados” e “Carta de uma Desconhecida”.

Baseado em sua vasta experiência com casais, o autor oferece aos leitores sejam jovens casais ou antigos mas que buscam revitalização, textos curtos, mas profundos, com o objetivo de fortalecer a espiritualidade e a vivência matrimonial familiar.

PALAVRAS CRUZADAS NASSRALLA

SANTA PACIÊNCIA - ANDRÉ ABREU

mais acurado e atores como Emma Thompson e Jeremy Irons.

Depois da 2ª.Guerra Mundial o cinema europeu ,especialmente o italiano, passou a usar dos artifícios que aproveitavam a pobreza de uma terra arrasada. Foi a época do chamado neo-realismo, onde os cineastas filmavam nas ruas historias de gente do povo, desprezando o luxo de Cinecittá o magnífico estúdio criado pelo ditador Benito Mussolini para as comédias amenas que se conheceu com o nome de “telefones brancos”. O amargor dos filmes neorealistas foi compensado com as comédias populares. Muitos cineastas especializaram-se no gênero e outros, projetados no esquema de copiar ou discutir a realidade, aderiram. Alguns exemplares da comédia italiana dos anos 50 chegam agora ao mercado brasileiro de DVD. Esta semana dois alcançaram as locadoras: “Pena que Seja um Canalha”(Peccato Che Sia Uma Canaglia/1954) de Alessandro Blassetti e “A Bela Moleira”(La Bella Mignaia/1955) de Mario Camerini. Ambas interpretadas p o r S o p h i a L o re n , M a r c e l l o Mastroianni e Vittorio De Sica. A primeira, historia de uma família de ladrões que ataca um taxista, é muito engraçada. A segunda, ambientada no século XVIII, foge do esquema do gênero na linha mais cara e em cinemascope. É fraca. Mas os atores repetem a verve cômica. Quem viu esse tipo de filme na sua época de estréia ganha através da lembrança. E por sinal que está chegando outra:”Guardas e Ladrões”(Guardi i Ladri) da dupla Mario Monicelli e Steno.

Eu recomendo o livro dos livros: a Bíblia. A obra sagrada inclui uma sequência de momentos narrados antes, durante e depois da vinda de Jesus no Antigo e no Novo Testamento. É um livro essencial e autêntico para o enriquecimento do espírito para ser lido todos os dias. Atos dos Apóstolos é o meu preferido, o livro descreve aquilo que um cristão católico é e verdadeiramente deve ser e seguir.

DIVULGAÇÃO

eu indico

de uma aura infantil que se louva. O filme é destinado às crianças pequenas. Mesmo assim eu penso que elas, na cultura moderna, não achem tanta graça. Outra fantasia que está nas telas grandes, “Dezesseis Luas”(Beautiful Creatures), também exala esperteza de autores. Estudantes, o herói e a heroína, enfrentam bruxos posto que ela é filha dessa espécie. Quem viu “Crepúsculo”, com os vampiros que a escritora Stephanie Meyer imaginou, sabe que o texto atual, primeiro de 4 livros escritos por Kemi Garcia, tem parentesco. A novidade é um artesanato mais acurado e atores como Emma Thompson e Jeremy Irons.

Comédias Italianas

n UM, DOIS, BOLINHO DE ARROZ, MARIO PIRATA (Paulinas, 32págs, R$16,00) Brincante das palavras, o autor toma de um fôlego só para reinterpretar trovas/poemas populares em Um, dois, bolinho de arroz. Como repentista, o autor cria poemas divertidos, e que revelam trabalho intenso e incansável na busca do verso renovado, com inspiração na literatura oral.


12

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Atualidade

LUIZ ESTUMANO

TECNOLOGIA

TV Nazaré ganha nova Unidade Móvel Aquisição possibilita melhor qualidade para as trasmissões

C

hegou à Fundação Nazaré de Comunicação na última segunda-feira (11), por volta das 11h30, a nova Unidade Móvel da TV Nazaré. O carro equipado com tecnologia de última geração veio de São Paulo. A tecnologia facilitará as transmissões ao vivo em Full HD (Full High Definition ou alta definição máxima). “O equipamento é um dos mais modernos, de última geração”, explicou o supervisor técnico, Raimundo Brabo. Full HD é a resolução máxima que uma TV de alta definição do mercado alcança. Uma TV Full HD tem 1920 pixels de resolução horizontal por 1080 linhas de resolução vertical, o que permite um melhor detalhamento da imagem.

w GRAÇAS Dom Teodoro Mendes abençoa a unidade móvel no estacionamento da FNC LUIZ ESTUMANO

Essa aquisição ajudará nas transmissões de tudo o que acontece na Igreja no Pará e principalmente no Círio de Nazaré. Para o diretor de comunicação da FNC, Mário Jorge Alves, a nova unidade é fruto da solidariedade de cada um que contribui com os meios de comunicação da Arquidiocese de Belém. “Agradecemos principalmente aos colaboradores da Família Nazaré, que ajudam a tornar essas coisas reais”, disse. A diretora de comunicação, Marluce Milhomem, explicou que o equipamento foi adquirido com parte dos recursos da Conferência Episcopal Italiana. Por ser uma instituição filantrópica, a FNC recebe doações de diversos outros órgãos.

w CHEGADA Veículo chegou no dia 11 de março à sede da Fundação direto de SP

Homenagens ao patrono da Igreja As festas em honra ao patrono da Igreja continuam esta semana, na Paróquia São José, localizada no bairro do Umarizal. A

festividade que tem como tema “Da carpintaria de Nazaré ao lar da fé: São José, nos ensina a viver a fé!” começou no dia 6 e segue até

terça-feira (19), dia do padroeiro. Nesta sexta-feira (15), às 9h, acontece a missa dos idosos e enfermos na igreja matriz. No IVAN CARDOSO

sábado, (16) por volta das 20h, haverá um jantar festivo na paróquia. Domingo (17), às 12h30 inicia a Vigília de adoração ao Santíssimo Sacramento, encerrando às 18h, e às 17h30 acontecem a Procissão dos Lírios saindo da Capela de Lourdes, na Av. José Malcher seguindo até a Igreja Matriz. No dia em que se comemora o dia de São José, a paróquia reservou uma programação especial. Às 7h haverá a Santa Missa; às 12h será a novena da benção em honra a São José, e às 19h acontece outra celebração eucarística seguida de procissão luminosa, que sairá da frente do Shopping Boulevard e chegará à Paróquia de São José. EM N. S. DO AMPARO

w CELBRAÇÃO EUCARÍSTICA Pe. Wiremberg, pároco, presidiu a Santa Missa no dia 12 na igreja matriz

A Comunidade de São José pertencente à Paróquia Nossa Senhora do Amparo, localizado no bairro do Coqueiro em Ananindeua, inicia sua festividade hoje (15), com o tema: “A exemplo de São José redescobrimos os valores da fé e edificamos uma igreja jovem”. Às 19h haverá missa de abertura presida pelo Arcebispo Emérito de Belém, Dom Joaquim Vicente Zico. De sábado (16), até terça-feira (19), dia do padroeiro, haverá celebrações eucarísticas sempre às 19h30. Todas as noites de festividade haverá venda de comidas típicas.


Caderno BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

D O JORNAL CATÓLICO DA FAMÍLIA D

NOVO PONTÍFICE

Dois

O novo Papa Francisco I

Francisco I é o primeiro bispo de Roma oriundo do continente americano n Fonte: Rádio Vaticano “Annuntio vobis gaudium magnum: habemus Papam!” “Eminentissimum ac reverendissimum dominum, dominum, Georgium Marium Sanctae Romanae Ecclesiae Cardinalem Bergoglio, qui sibi nomen imposuit Francisco I. O Cardeal Arcebispo de Buenos Aires, Jorge Mario Bergoglio, 76 anos é o 265° sucessor de Pedro, assumindo o nome de Francisco. Foi eleito no 5° escrutínio no segundo dia do Conclave. Às 20hs12min do dia 13 de março de 2013 o protodiácono Jean-Louis Tauran proclamou a famosa fórmula do Habemus Papam, no balcão Central da Basílica de São Pedro. Às 20h23, o recém-eleito assomou ao balcão central proclamando as seguintes palavras: “Irmãos e Irmãs, boa noite! Vocês sabem que o dever do Conclave era de dar um bispo a Roma. Parece que meus irmãos cardeais foram buscálo quase no fim do mundo. Mas, estamos aqui! Vos agradeço pela acolhida, à comunidade diocesana, ao seu bispo. Obrigado!(...aplausos...) Antes de tudo, gostaria de fazer uma oração pelo nosso bispo emérito Bento XVI (...aplausos...). Rezemos todos juntos por ele, para que Deus o abençoe e Nossa Senhora o proteja. (segue a oração do Pai Nosso, da Ave Maria e do Glória ao Pai). E agora comecemos este caminho bispo e povo. Este é o caminho da Igreja de Roma que é aquela que precede na caridade todas as outras Igrejas. Um caminho de Fraternidade, de amor, de confiança entre nós. Rezemos sempre por nós, um pelo outro, rezemos por todo o mundo, para que exista uma grande fraternidade. Desejo que este caminho de Igreja, que hoje começamos e que me ajudará o meu Cardeal Vigário aqui presente, seja frutuoso para a evangelização desta tão bela cidade. (aplausos). E agora gostaria de dar uma bênção, mas antes vos peço um favor. Antes de o bispo abençoar o povo vos peço que vocês rezem ao Senhor para que me abençoe. A oração do povo pedindo a bênção pelo seu bispo. (... aplausos...). Façamos em silêncio esta oração de vocês por mim”!

DIVULGAÇÃO

w 1º CONTATO Papa Francisco I saúda pela primeira vez comunidade católica na Praça São Pedro

Biografia de Francisco I n Fonte: RTP Cardeal Jorge Mario Bergoglio, Arcebispo de Buenos Aires, Argentina, nasceu em 17 de dezembro de 1936 em Buenos Aires. Foi ordenado pelos Jesuítas em 13 de dezembro de 1969 durante os seus estudos teológicos na Faculdade Teológica de São Miguel. Foi mestre noviço em São Miguel onde também ensinou teologia. Foi Provincial para a Argentina (19731979) e reitor da Faculdade de Teologia e Filosofia de São Miguel (1980-1986). Após completar a dissertação doutoral na Alemanha serviu como confessor e diretor espiritual em

Córdova.Em 20 de maio de 1992 foi nomeado Bispo de Auca e Auxiliar de Buenos Aires, recebendo a consagração episcopal em 27 de junho. A 3 de junho de 1997 foi nomeado Arcebispo coadjuvante em Buenos Aires Buenos Aires e sucedeu ao Cardeal António Quarracino em 28 fevereiro de 1998. Relator geral adjunto da 10ª Assembleia Geral do Sínodo dos Bispos em outubro de 2001.Presidente da Conferência de Bispos da Argentina de 8 de novembro de 2005 até 8 de novembro de 2011. Proclamado Cardeal pelo Papa João Paulo II no consistório de 21 de fevereiro de 2001 com o título de S. Roberto Bellarmino.


2

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Santo Padre

Caderno Dois

ELEIÇÃO

Conclave reuniu 115 cardeais para a escolha do 265º Papa Após o juramento dos cardeais na Capela Sistina, o tradicional Extra Omnes n Fonte: Zenit

FOTOS: DIVULGAÇÃO

O

primeiro dia do Conclave terminou, como esperado, com a fumaça preta. Por volta das 19:45h, no meio de uma tarde chuvosa, a chaminé da Capela Sistina começou a emitir a fumaça e muitos peregrinos que estavam ali para ver começaram a deixar a Praça de São Pedro debaixo dos guarda-chuvas. No fim da manhã, após a celebração da Santa Missa Pro Eligendo Romano Pontífice, presidida pelo decano Angelo Sodano, todos os cardeais foram para a residência Santa Marta, onde almoçaram. Na Capela Paulina por volta das 16:15, os 115 eleitores rezaram. O cardeal Giovanni Battista Re, vicedecano da Assembléia Cardinalícia, pronunciou a seguinte invocação: “O Senhor, que guia nossos corações no amor e na paciência de Cristo, esteja convosco”. Pouco depois, começou a procissão solene para a Capela Sistina, durante a qual os cardeais cantavam a Ladainha dos Santos. Chegando na capela, se acomodaram de acordo com a ordem estabelecida e cantaram o Veni Creator Spiritus. Na entrada da Capela Sistina, os cardeais foram recebidos pelo Secretário de Estado Adjunto, monsenhor Angelo Becciu; pelo secretário para as Relações com os Estados, monsenhor Dominique Mamberti; pelo prefeito da Casa Pontifícia, monsenhor Georg G ä n s we i n ; p e l o s re l i g i o s o s e n c a r re g a d o s d a s a c r i s t i a ; o s sacerdotes confessores; o comandante da Guarda Suíça, Daniel Rudolf Anrig; e o pessoal autorizado para os serviços gerais. Ao se acomodarem nos bancos da Capela Sistina, os cardeais ouviram as instruções do Cardeal Re, conforme a Constituição Apostólica Universi Dominici Gregis, em seguida, cada um deles, com a mão sobre o Evangelho, pronunciou o juramento. Por volta das 17:35h, depois que Cardeal James Michael Harvey, último dos eleitores, prestou juramento, monsenhor Marini pronunciou o tradicional Extra Omnes. Todos os não-eleitores deixaram a Capela Sistina, com exceção do cardeal Grech que fez a meditação, detendose em particular na gravidade da tarefa dos eleitores e na necessidade de votar com retidão, cumprindo

w ESCOLHA No segundo dia do conclave, a fumaça branca saiu pela chaminé simbolizando o fim da eleição

apenas a vontade de Deus para o bem da Igreja. Depois, o cardeal Re perguntou aos presentes se eles queriam passar para a votação, que, no primeiro dia do Conclave, é opcional. A escolha dos cardeais foi por voto, e como quase sempre acontece, houve a primeira votação, mas nenhum candidato alcançou os 77 votos necessários para

a eleição do Bispo de Roma. No dia 12 pela manhã, às 9h30, aconteceu a segunda votação. Os eventuais escrutínios posteriores aconteceram às 11:30, 16:30 e 18:30. SEGUNDO DIA DE VOTAÇÕES NA CAPELA SISTINA

Os cardeais eleitores começaram

na quarta-feira, 13, com uma missa na Capela Paulina. A primeira reunião, com duas votações, aconteceu às 9h30 (5h30 em Brasília). À tarde, se reuniram às 16h, para mais duas votações, com a fumaça saindo da Capela Sistina às 17h (13h em Brasília). Caso o Papa fosse eleito na primeira das votações do turno, a fumaça branca sairia antes da hora.

w ESPERA Praça São Pedro estava lotada a espera do anúncio do nome do novo Papa na dia 13/03/2013

Sucessor de Bento XVI é o 50º Papa nos últimos 500 anos n Fonte: Ecclesia São Gregório III, da Síria, que liderou a Igreja Católica entre 731 e 741, tinha sido o último Papa não-europeu até à escolha, hoje, de Francisco I, natural da Argentina. A lista de 264 Papas integra 11 pontífices nascidos no Médio Oriente (8) e África (3), até ao século VIII.

O Anuário Pontifício, do Vaticano, identifica 210 Papas do atual território italiano (109 de Roma), 16 da atual França, 11 gregos (todos até ao século VIII), seis sírios e cinco da Alemanha, o último dos quais Bento XVI, que renunciou ao pontificado. A lista inclui três pontífices oriundos do norte de África, quanto o território integrava o Império Romano, para além de dois naturais de Israel e

Jerusalém, incluindo São Pedro. Dois Papas da Dalmácia (atualmente Croácia), outros dois de Espanha e mais dois de origem “desconhecida” integram o elenco no qual se contam ainda representantes da Holanda, Inglaterra, Polónia e Portugal. Antes da eleição do polaco João Paulo II, em 1978, o último não-italiano escolhido tinha sido o holandês Adriano VI, em 1522.


belém, De 15 a 21 de março de 2013

Caderno Dois 3


4

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Catequese

Caderno Dois DIVULGAÇÃO

Um só coração e uma só alma Padre Agostinho Cruz afs.cruz@hotmail.com

A espera do Sucessor de Pedro

L Bacharelando em Teologia pela Faculdade Dehoniana (SP), Pároco de São João Batista e Nossa Senhora das Graças (Icoaraci)

onge dos holofotes e das impressões midiáticas, o coração do crente sabe de onde esperar respostas para seus anseios e esperanças por causa da eleição do Romano Pontífice. Só Deus pode suscitar o eleito, pois é de sua vontade e não da nossa, que é sempre falha e cheia de interesses. Podemos apropriarmo-nos de suas palavras a fim de que fiquemos seguro no que tange a eleição papal: “Farei surgir um sacerdote fiel, que agirá segundo o meu coração e a minha vontade. Eu lhe darei uma casa que permaneça para sempre e ele caminhará na minha presença todos os dias” (1Sm 2,35). Os conclaves que tem por finalidade eleger o Bispo de Roma é sem dúvida alguma um instrumento humano, carregado de toda capacidade estrutural, mas repleta da ação do Espírito Santo. É onde mais uma vez temos que compreender que a nossa humanidade tem que colaborar com a ação divina. Deus age tanto no coração dos eleitores, quanto mais radicalmente no coração daquele que “fará surgir” como sacerdote fiel. Tudo isso tem uma razão de ser; e essa razão é a de Deus que quer um sucessor segundo o Seu coração. Isso também almejamos a cada dia. Quanta alegria toma o coração dos crentes quando do anúncio “Habemus Papam”, depois de momentos esperançosos marcados por vigílias de orações. Sim, a Igreja, nunca perdeu sua característica de sempre esperar. Ela esteve em germe no Antigo Testamento, e enquanto espera o seu fundador, seu fundamento e sua cabeça, o Cristo Senhor. Está ainda em espera, como noiva à espera de seu amado, dizendo: “Maranathá, Vem, Senhor Jesus”. E enquanto caminha pressurosa na penumbra da fé aguardando a vinda gloriosa do Senhor, continua a ser guiada por aqueles que desde toda a eternidade

foram eleitos para tal missão. Destarte, somos uma Igreja em caminho para a Páscoa definitiva; e somos conduzidos pelo Sucessor do grande Apóstolo Pedro. O governo da Igreja é sempre de Deus, o Pastor eterno, que vela com solicitude continua em seu amor de Pai concedendo no tempo oportuno pastor que lhe agrade pelas virtudes e que tenha um coração capaz de velar solicitamente sobre o rebanho que lhe fora confiado. É por isso que o Senhor jamais deixará sua Igreja desemparada ou a mercê dos lobos ferozes, porque aquele que fora eleito tem a garantia da mão do Senhor a sustenta-lo, e deverá caminhar sempre na presença do Altíssimo. Não só devemos ser grato ao escolhido para ser o Papa, mas devemos sustentá-lo com nossas orações e docilidade filial, pois não só guiará a Igreja, como também fará penetrar no coração de seu rebanho e dos homens de boa vontade a verdade do Evangelho. Isso mesmo, sua missão é confirmar os irmãos na fé em Jesus Cristo. Que nestes dias nossas igrejas se encham de alegria e nossos lábios de canções agradecendo por tão grão dom de termos recebido um pastor segundo o Seu coração, e peçamos humildemente que nossos corações transbordem em preces de louvor e gratidão sabendo que o Senhor vela por nós com bondade e governanos com amor de Pai derramando seu Espírito de sabedoria no coração daquele que elegeu e confiou o governo de sua igreja, a fim de que leve o povo a um maior conhecimento da verdade, e o torne cada vez mais santo.

Palavra de padre Padre Zezinho, scj

Famílias de mãos dadas

E

ra muito mais bonito aquele tempo em que ele punha as mãos nos ombros dela, ou publicamente andavam de mãos dadas. Alguém decretou e espalhou que o gesto está fora de moda. Que falem, mas ,se não inventaram coisa melhor, que se calem! O fato é que continua bonito ver a mão dele segurando a dela, sem nenhuma outra razão além do carinho entre dois seres humanos. Casais idosos ainda fazem isso e há casais jovens que não abrem mão desse privilégio. O gesto não tem nada de antiquado. Diz muito ao coração dela e faz bem ao homem que ele é. Mostra publicamente que há um laço a prender

suavemente os dois. As mãos falam e ajudam a dizer coisas boas e más. Por elas também passam o cuidado, o carinho e a ternura. Aquelas mãos dadas são mãos de pai e mãe, ou de quem será. São mãos que cuidaram, cuidam ou cuidarão de vidas tenras e carentes. Mãos levantam queixos, afagam cabelos, tocam olhos e testas, seguram mãozinhas inocentes, curam feridas, fazem comida, lavam corpos e roupas, constroem brinquedos, afagam bochechas, alisam cabelos brancos, plantam, colhem e beneficiam, assinam decretos, ajudam os pobres e tornam o matrimônio uma fonte de vida. Protagonizam na terra o prolongamento do raham,

O fato é que continua bonito ver a mão dele segurando a dela, sem nenhuma outra razão além do carinho entre dois seres humanos

o colo de Deus. Nada mais justo, então, que homem e mulher caminhem de mãos

dadas, porque é bom, é terno, simboliza um vínculo, e é testemunho Alguém está amando alguém. Em algum ponto da caminhada muitos casais perderam este delicado e belíssimo costume. Em era de tanta violência, fora e dentro do lar, de tanta indelicadeza, ingratidão, ameaças e perda de valores, há costumes que devem ser preservados e incentivados. Um deles é a ternura do casal de mãos dadas. Não faz sentido que duas pessoas que se amam, caminhem sistematicamente separados, como se estranhos fossem. Era bonito, simbolizava cuidado e laços de família. e todos podiam ver. Que volte a simbolizar a unidade.

Prefiro ver isso do que homens indelicados e mulheres magoadas e de rosto sombrio e enxabido, ao lado do homem que um dia foi a razão dos seus sorrisos. Pequenos gestos podem fazer a diferença. Parecem bobos e fora de moda, mas não são mais tolos e fora de moda do que um casal se espicaçando na frente dos outros e agindo como se o outro não significasse mais nada em sua vida. Pode até haver mentira naquelas mãos dadas, mas se até inimigos se dão as mãos e assinam tratados , porque não um casal que tem e teve uma história? Que se reze o Pai Nosso de mãos dadas. Que se comece pelos casais!


5

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Saúde

Caderno Dois

PLANEJAMENTO FAMILIAR

Igreja incentiva método do amor S

eja para conseguir uma gravidez, adiá-la, ou ajudar a mulher a conhecer a sua saúde reprodutora. Ainda pouco conhecido, o Método de Ovulação Billings (MOB), caracterizado por um planejamento familiar de forma natural, possui inúmeras vantagens para a vida conjugal e é cada vez mais recomendado pela Igreja Católica. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o simples método tem eficácia de 99%, de acordo com o objetivo do casal, e além de confiável não se utiliza de drogas e efeitos colaterais que possam afetar a saúde da mulher. A prática é reconhecida pela WOOMB, uma organização mundial, e muitos adeptos garantem que é o método do amor. O Método Billings, de ovulação natural, foi descoberto na Austrália pelo casal Billings. Durante os estudos, Dr. John Billings observou que através do autoconhecimento, as mulheres sabiam quando estavam férteis e quando estavam inférteis, em decorrência do estado de lubrificação do muco cervical, (produzido pelo colo uterino e que assinala o estado de fertilidade da mulher), e assim surgiu o método. Os estudos ainda apontaram que além de conseguir uma gestação, ou espaçá-la, o método ainda propiciava o autocontrole da mulher, facilitando a percepção de anormalidades no organismo, como irregularidades no ciclo menstrual ou corrimentos que pudessem caracterizar infecções, por meio da observação do muco vaginal. O MOB é aplicável em todas as variações da fisiologia reprodutiva da mulher, tanto a normal como a patológica: ciclos regulares, ciclos irregulares, ciclos anovulatórios, amamentação, menopausa, estresse ou tensão física e emocional, baixa fertilidade, doenças ginecológicas, como, por exemplo, de origem h i p o f i s á r i a , c i s t o s ova r i a n o s , distúrbios produzidos por medicação contraceptiva ou drogas citotóxicas. A eficácia do MOB, como ocorre como a de outros métodos contraceptivos, é medida pela capacidade correta de utilização. O

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Método de ovulação Billings tem eficácia de 99% segundo a OMS método oferece opções para os casais que almejam uma gestação e para os que optam por tardá-la. O casal, por exemplo, que deseja uma gravidez pode escolher por praticar o ato conjugal durante a fase fértil. Em caso contrário, o casal que pretende espaçá-la deverá evitar o contato genital durante a fase fértil da mulher. Segundo os especialistas, só o conhecimento básico do método não é o suficiente para os casais que desejam adotá-los. Gisele w MÉTODO Foi desenvolvido na Austrália pelo casal John e Evelyn Billings Maia, coordenadora da Confederação Nacional de Planejamento Natural de Segundo Gisele, o MOB pode ser favorecer o crescimento do amor e da Família (CENPLAFAM) Woomb Brasil utilizado por mulheres de todas as ternura entre o casal. da Região Norte, há seis anos, afirma idades que estejam em boas condições O sacerdote afirma que a prática que a eficácia do método depende de saúde. “Durante os encontros ainda fortalece o diálogo e a unidade diretamente de uma orientação preenchemos os dados do casal em matrimonial e tem trazido positivas qualificada dos casais. “Os interessados uma ficha confidencial e reforçamos mudanças na vida dos casais. precisam receber uma instrução a questão das anotações dos períodos “Tenho visto muitos testemunhos de adequada para que possam relatar suas de férteis para o acompanhamento da verdadeira alegria e realização entre observações diárias e serem orientados evolução deles”. eles, pela descoberta maravilhosa de forma correta”, explica. Casada há 13 anos e mãe de duas que é a missão dos pais quando O método se baseia essencialmente filhas, Rainedy Neres, 39, utiliza o estão abertos à vida e querem ser na observação, para que de forma método há seis anos, e garante que construtores de uma nova civilização natural possa ser planejada a sempre planejou a família de forma cristã através da educação de seus família. Por isso, a importância da natural. “Depois que casei optei por filhos nos mesmos princípios da fé”. mulher se conhecer e apontar seu escolher uma alternativa que fosse Para ele, com a utilização do MOB, estado de fertilidade para que possa aceita em minha religião e que não o casal é convidado a respeitar a lei receber as orientações necessárias. me gerasse preocupações. O MOB natural de Deus. “Por não utilizar “Nenhuma mulher é igual. Por isso além de seguro, não agride a saúde, nenhum meio artificial que impeça a o acompanhamento é direcionado. não tem custo, ajuda a conhecer o possibilidade de fecundidade, pois o A observação neste período é corpo e permite unir ainda mais o amor conjugal tende a ser fecundo. O extremamente importante. O muco casal”, afirma. princípio moral sempre será o respeito pode apontar o estado de fertilidade Há dois anos, ela faz parte do grupo à vida. O casal tem que colaborar com o para que a concepção possa acontecer. de treinamento do MOB em Belém Criador na missão de colaboradores na Por isso é preciso que ela anote todos e conheceu o método por meio de sua obra criadora, assumindo o papel de seus sintomas e características de uma amiga da igreja. A partir de pais e educadores cristãos e aceitando fertilidade para que possa relatar a então, ela procurou o grupo e iniciou os filhos que Deus quiser lhes dar”. seu instrutor e receber as orientações junto ao esposo as orientações. “Esse corretas.”, explica a instrutora. contato com a equipe de instrutores Há mais de cinco anos, Gisele e seu é fundamental. Eles nos passam Os interessados em esposo ministram cursos e palestras confiança e nos deixam à vontade conhecer melhor o de orientação do MOB em diversas para relatarmos a nossa intimidade Método de Ovulação paróquias da Arquidiocese de Belém, conjugal”, assegura. Billings podem entrar em por meio da Pastoral Familiar. Eles Pe. Idamor da Mota, mestre em contato com a CENPLAFAM afirmam que mesmo com o trabalho Bioética, afirma que o MOB é orientado WOOMB Brasil – Regional nas comunidades o Método Billings pela Igreja Católica por ser um método Norte (Belém), por meio ainda é pouco conhecido na região. de procriação natural. “E por não ferir dos contatos: (91) 3222 “Temos como meta atingir mais os princípios morais da conjugalidade – 02 20; 8882 – 2990 e paróquias da região e desenvolver um do casal porque admite a continência 8242-0708. Falar com os trabalho de conscientização para os periódica e, portanto, convida o casal coordenadores Giselle e casais que de forma saudável possam a abster-se do ato conjugal durante Marcelo Maia. Ou também planejar a vida familiar. O método é os períodos da fertilidade feminina. pelo e-mail: mob@ super seguro e é adotado por casais Isso faz com que os casais respeitem sedefecundos.com.br. do mundo todo”. mutuamente seus corpos, além de

método oferece opções para os casais que almejam uma gestação e para os que optam por tardá-la. O casal, por exemplo, que deseja uma gravidez pode escolher por praticar o ato conjugal durante a fase fértil. Em caso contrário, o casal que pretende espaçá-la deverá evitar o contato genital durante a fase Segundo os especialistas, só o

w AOS CASAIS Gisele Maia afirma que o método precisa de orientação

Igreja incentiva método do amor

w CONFIANÇA Rainedy Neres junto com o esposo buscaram o MOB


6

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Igreja

Caderno Dois FOTOS: LUIZ ESTUMANO

ARQUITETURA

Basílica agrega diferentes estilos Com mais de 100 anos, Santuário de Nazaré exibe beleza arquitetônica

w CONSTRUÇÃO Basílica Santuário de Nazaré foi inspirada na Basílica de São Paulo, em Roma

A

Basílica de Nazaré foi construída pelos padres Barnabitas no início do Século XX. Foi inspirada na Basílica de São Paulo, em Roma, e tem 20 metros de altura, 24 de largura e 62 metros de comprimento. Seu interior é de mármore, com um belo forro de madeira confeccionado por artistas paraenses e vitrais que se referem a momentos bíblicos e à história da devoção à Virgem de Nazaré. Na fachada, um painel em mosaico mostra a Virgem de Nazaré como Rainha da Amazônia, num cenário regional onde estão

índios, negros, Jesuítas, Capuchinhos, e, também, as figuras de Pedro Álvares Cabral, Castelo Branco (fundador da cidade de Belém), Dom Bartolomeu (primeiro Bispo de Belém), o caboclo Plácido, Dionísio Ausier Bentes (governador na época da inauguração) e uma família de operários, entre outros personagens. No centro de convergência de todas as linhas arquitetônicas está o “Glória”, onde fica a imagem autêntica de Nossa Senhora de Nazaré. A pedra fundamental foi colocada em 1909, pelo então Arcebispo de Belém do

Pará, Dom Santino Coutino. Quatorze anos depois, o templo recebeu de Roma o título de Basílica. Em 1992, a igreja foi colocada entre as mais belas construções do Pará e em 2006 foi elevada à condição de Santuário. O templo possui o conjunto de sinos considerado o mais antigo e completo do Brasil. Datados de 1966, foram os primeiros eletrificados do país e são capazes de executar os cantos sacros Ave Maria de Lourdes, Ave Maria de Fátima, Madona Marne, Cristo Vence, Eia Povo Devoto, Fiéis Acorramos, Noite Feliz, Fazei de Hosana e Vinde Cristãos.

w VITRAIS Contam a história da devoção à Virgem

w INTERIOR da Basílica Santuário é confeccionado por artistas paraenses em mármore

w CENTRO O "Glória" é o lugar onde fica a imagem

w IMAGEM Original encontrada pelo caboclo Plácido fica no centro da convergência


7

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Igreja

Caderno Dois MÚSICA

A arte musical na Igreja Cantar, tocar e louvar o dom dado por Deus LUIZ ESTUMANO

M

uitos não conseguem imaginar a sua vida sem a música. Por isso também é difícil conceber a Liturgia, celebração do Mistério Pascal de Cristo, cume para onde tendem todas as ações da Igreja e fonte de onde provém toda a sua força vital, sem os acordes musicais. Assim como os outros tipos de música, a Música Litúrgica tem um estilo próprio. A Igreja ensina que é preciso classificar corretamente: música litúrgica, música católica, música de show, música sacra, ... Já na pré-história os h o m e n s d a s c a ve r n a s emitiam os primeiros sons e criavam instrumentos musicais parecidos com os atuais tambores e xilofones. A Bíblia relata a presença da música em diversos momentos da história do povo de Deus. O Salmo 33 diz: “louvem o Senhor com harpa; ofereçam-lhe música com lira de dez cordas”. Já o Salmo 47 orienta: “ofereçam música a Deus, cantem louvores! Ofereçam música ao nosso Rei, cantem louvores!”. De acordo com o historiador Hilário Franco Júnior, a Igreja sintetizou elementos da cultura romana e germânica e foi inegável sua influência também na música. O estilo sacro é o de maior destaque. Nomes como Gregório M a g n o , i n t ro d u t o r d o canto gregoriano; e Guido d’Arezzo, que batizou as sete notas musicais, foram extremamente importantes para o desenvolvimento da música erudita. Também se destacaram os trovadores e menestréis da música popular. Os primeiros eram compositores e poetas românticos “popularescos”, já os segundos eram os acompanhantes dos trovadores. A m ú s i c a s a c ra , e m sentido restrito, é a música erudita própria da tradição religiosa judaico-cristã. Em sentido mais amplo é usada como sinônimo de música religiosa, que é a música nos cultos de quaisquer tradições religiosas. Até o Concílio Vaticano II, a Igreja distinguia entre Música

A arte musical na Igreja

S a c ra , c a n t o re l i g i o s o popular e música profana. A M ú s i c a S a c ra e ra a música utilizada na Liturgia, sendo, portanto, em latim. Restringia-se ao canto gregoriano e à polifonia sacra (música a várias vozes). O canto religioso popular era o canto em vernáculo utilizado nas ações de piedade popular (procissões, terços, etc.) e, pelo menos a partir do documento Musicae Sacrae Disciplina, de Pio XII, datado de 1955, também nas missas nãosolenes (cf. n.30). Em geral, todos esses estilos de música cuja origem advém do catolicismo caracterizam a música católica. O Cardeal Francis Arinze alerta, porém, para o cuidado com a confusão que eventualmente se faz entre a música litúrgica e a música de show, por exemplo. Ele diz que a Liturgia é um culto a Deus e não um espetáculo. O músico Urbano Medeiros explica que há uma grande diferença entre tocar na Santa Missa e tocar em shows católicos: “infelizmente nós, músicos, queremos, muitas vezes, misturar as coisas. A forma que se toca na celebração da Santa Missa é bem diferente da forma que se toca em um show. O show é um show, a própria palavra ‘show’ quer dizer ‘expor’. Na Liturgia temos de ter outra dinâmica. O músico deve cantar com doçura, afinação e humildade. As pessoas, quando olharem para nós músicos no altar, precisam perceber uma unção espiritual em nós. Nós não estamos ali para aparecer, o único que deve aparecer na Santa Missa é Jesus, que é ali oferecido ao Pai. Nós todos estamos ali a serviço da Liturgia”. O maestro Medeiros diz que o músico precisa cantar sem fazer firulas, sem colocar muitos enfeites. “Ele deve cantar como a assembleia canta. Precisa escolher as músicas na tonalidade que o povo consiga cantar”, frisa. Ele recomenda ainda que o cantor litúrgico tenha u m a v i d a d e o ra ç ã o e serviço, com a humildade de Nossa Senhora.

w ESTUDO Com 17 anos de talento, Heider Batista afirma que será sempre aprendiz

DICAS DE UM MAESTRO “Quando estiver tocando na Santa Missa o músico não deve usar acordes dissonantes em seu instrumento. Dissonância já diz: é uma dissonância, é uma harmonia na qual entram notas que não são harmônicas, muito usadas no jazz, na bossa nova e outros estilos de música”, explica Medeiros. E ensina: “Na Liturgia devemos usar acordes mais simples: tônicas, terceira, quinta, uma sétima

menor, às vezes, uma quarta suspensa, que é uma nota de passagem..., porque se você usar dissonância, as pessoas não vão mergulhar em Deus. Na missa, toque como se você estivesse tocando para o melhor músico do mundo. E você realmente está tocando: para Deus, a Santíssima Trindade, e manifeste em seu semblante um ar de bondade, de alegria, de glória, de júbilo e de paz”.

LITURGIA Os documentos da Igreja ensinam que a Liturgia é sinônimo de participação e que a música litúrgica (ou Música Sacra) é parte integrante da Liturgia, é servidora da Liturgia. Os Estudos da CNBB 79 (A música Litúrgica no Brasil, n. 27) dizem que “não devemos cantar na Missa, mas sim cantar a Missa”. O Musicam Sacram, n. 67 diz que a música não é, na Eucaristia, um elemento meramente estético ou do qual se poderia abrir mão, mas parte essencial da Ação de Graças, constituindo algumas vezes um rito próprio na Missa (os cantos do Kyrie, do Glória e do Santo, por exemplo). Portanto, um músico católico que serve na Missa deve conhecer a Liturgia, deve ter uma formação litúrgica, além de musical. O músico e missionário da Comunidade Shalom há 8 meses, Heider Batista Leal, 32, diz que para fazer parte do ministério de música da comunidade os participantes recebem formação. Apesar do seu talento expresso desde os 15 anos de idade, Heider acredita que sempre há algo a aprender para cantar ainda melhor na

missa. “A gente recebe esse chamado a ser cristão e Deus nos dá dons. Nós os manifestamos em sinal de gratidão a Deus. Poder manifestá-los através da música é muito bom. Vejo ai a importância de estar cantando na missa”, diz. Ele já teve a oportunidade de participar de formações com grandes cantores da música litúrgica, como a Irmã Miriam, e com demais grandes nomes da música católica, como Dunga, Eugênio Jorge e Ziza Fernandes. “É preciso se fazer um com a Igreja. Não posso cantar de qualquer jeito, é preciso estar preparado. Como um músico de Deus, sofremos as tentações, principalmente da vaidade. Mas nós somos canais da graça”, ressalta. “O canto de entrada, por exemplo, é super importante. Com ele acolhemos o sacerdote, que representa a pessoa de Cristo. A assembleia precisa cantar o canto de entrada. Vemos também a importância do ato penitencial e dos demais hinos”, diz Heider. “Além de fazer a assembléia cantar, nós, músicos, temos de ter a humildade de ensinar. Isso é um sinal da caridade com o outro”, esclarece.


8

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Formação

Caderno Dois Primavera do mundo Padre Idamor da Mota Jr. (idamorjr@yahoo.com.br)

Um Mistério a Ser Revelado

N

o artigo anterior falávamos sobre uma característica que é própria da masculinidade: a força física que é sinal da força interior de doar-se por alguém ou alguma causa. Agora vamos nos aventurar a adentrar no universo da feminilidade. E o ponto a ser explorado inicialmente diz respeito ao mistério que envolve o ‘ser mulher’. Hoje em dia, a palavra ‘mistério’ é frequentemente mal interpretada como se fosse algo que não conseguimos explicar ou que não faz sentido algum para a razão humana. Mas pelo contrário, a palavra ‘mistério’ significa que podemos sim conhecer algo sobre o objeto envolto no mesmo, o que não implica que conheceremos tudo sobre ele. Porque se soubermos tudo sobre o ‘mistério’, ele deixa de ser ‘mistério’. Um mistério pode então ser definido como algo parcialmente escondido por causa de sua grande profundidade e grandiosidade. Essa definição de mistério é plenamente aplicada para Deus. Deus está velado aos nossos sentidos, mas não completamente. Ele se revela a nós constantemente e nós O conhecemos graças a essa revelação, mas não conseguimos esgotar esse conhecimento Dele por causa de Sua grandiosidade. Dito isto, podemos afirmar que essa definição de mistério pode ser também aplicada às mulheres. A mulher, pela sua própria natureza,

possui um mistério. Essa qualidade da mulher não é somente revelada através de sua personalidade feminina, mas também é algo que está estampado em seu próprio corpo. Pensemos na anatomia feminina. O fato de ter seus órgãos reprodutores escondidos dentro do seu próprio corpo já se refere a algo profundo e misterioso, algo que é pessoal e íntimo. Assim, o corpo da mulher revela verdades profundas sobre quem ela é enquanto pessoa. Passemos a outra analogia. Se tomarmos a Bíblia como referência percebemos que a presença do sagrado está sempre envolta em mistério. No Antigo Testamento, por exemplo, encontramos a Arca da Aliança. Dentro dela estavam guardadas as Tábuas da Lei onde estavam inscritos os Dez Mandamentos. E s t e s e ra m o s o b j e t o s mais sagrados para o Povo de Israel guardados num Santuário especialmente construído para isso (o Santo dos Santos). Eram tão sagrados e misteriosos que ninguém ousava tocá-los ou mesmo vê-los, exceto os Sumo Sacerdotes que eram destinados a entrar nesse lugar sagrado uma vez ao ano. Isso nos mostra que o propósito de Deus velar a si mesmo não é o de esconderse dos homens, mas sim de revelar Sua santidade e

DIVULGAÇÃO

sacralidade. Podemos também aplicar esse princípio à mulher, uma vez que ela é criada à imagem e semelhança de Deus, ela carrega também dentro de si esse mistério do sagrado. Contrário a todos os conceitos de moda correntes na sociedade de hoje, quando uma mulher decide cobrir seu corpo com roupas modestas e adequadas, ela o faz não porque está escondendo seu corpo dos homens. Pelo contrário, ela está mostrando aos homens a sua dignidade. Dignidade esta que, infelizmente, muitas mulheres e jovens de hoje perderam completamente o sentido. Da mesma maneira que Deus velava sua glória diante dos israelitas para revelar sua sacralidade, a mulher também deve revelar ao mundo, através de seu comportamento e de suas

vestimentas, que ela é sagrada. No livro dos Cânticos dos Cânticos encontramos uma expressão que aponta para essa dimensão feminina: “Jardim fechado és tu, minha irmã, esposa minha, manancial fechado, fonte selada” (Ct 4,12). Aqui, o corpo feminino é chamado de ‘jardim fechado’. Esta e x p re s s ã o , s e g u n d o o s estudiosos, significa que o jardim permanece fechado para manter à distância aqueles que não têm o direito de estar presentes nele. “Fonte selada” também, no contexto antigo, significava manter lacradas as entradas dos poços, a fim de garantir uma água pura, sem contaminações.

To d a s e s s a s metáforas não querem dizer que o corpo e alma feminina são i n a c e s s í ve i s . Pe l o contrário, elas mostram que o mistério feminino está aberto somente para aquele que é digno de entrar no mesmo. Portanto, todo aquele que quiser aproximar-se desse mistério feminino, sob a ótica do amor infundido pelo Criador, deve aproximar-se com ‘temor e tremor’, pois trata-se de um lugar sagrado. Os homens, de maneira especial os maridos, deveriam lembrar-se que é preciso a permissão de Deus para que eles possam adentrar nesse terreno sagrado. Para nossa interpretação cristã, essa permissão chama-se ‘Matrimônio’, onde o casal recebe as bênçãos de Deus para tornarem-se ‘uma só carne’. E uma vez obtida essa permissão, que os maridos se aproximem do mistério f e m i n i n o s e m p re c o m reverência e gratidão. Pois trata-se de um mistério de amor que expressa não só a comunhão dos esposos entre si, mas a comunhão deles com o Criador. O autor é mestre em Bioética e Diretor do CCFC

Na próxima semana, “Escutando o Coração”, com Ir. Lourdes Silva, fsp

Compêndio do Catecismo da Igreja Católica Para reflexões durante o Ano da Fé, o jornal Voz de Nazaré continua nesta edição a publicação do Compêndio do Catecismo da Igreja Católica. De maneira concisa, a publicação apresenta todos os elementos essenciais e fundamentais da fé da Igreja numa visão de conjunto, todo o panorama da fé católica.

CAPÍTULO PRIMEIRO (Segunda Seção)

Creio em Deus Pai “Creio em Deus Pai Todo-Poderoso, criador do céu e da terra”

1

O mistério da Santíssima Trindade pode ser conhecido pela pura razão humana?

Deus deixou alguns vestígios do seu ser trinitário na criação e no Antigo Testamento, mas a intimidade do seu Ser como Trindade Santa constitui um mistério inacessível à pura razão humana e até mesmo à fé de Israel antes da Encarnação do Filho de Deus e da missão do Espírito Santo. Esse mistério foi revelado por Jesus Cristo e é a fonte de todos os outros mistérios. 237

2

O que Jesus Cristo nos revela do mistério do Pai?

Jesus Cristo nos revela que Deus é “Pai”, não somente porque é Criador do universo e do homem, mas sobretudo porque gera eternamente em seu seio o Filho, que é o seu Verbo, “resplendor da glória do Pai, expressão de seu ser” (Hb 1,3). 240-242

3

Quem é o Espírito Santo revelado a nós por Jesus Cristo?

É a terceira Pessoa da Santíssima Trindade. É Deus, uno e igual ao Pai e ao Filho. Ele “procede do Pai” (Jo 15,26), o qual, princípio sem princípio, é a origem de toda a vida trinitária. E procede também do Filho (Filioque), pelo dom eterno que o Pai faz ao Filho. Enviado pelo Pai e pelo Filho encarnado, o Espírito Santo conduz a Igreja ao conhecimento “da verdade plena” (Jo 16,13). 243-248

4

Como a Igreja exprime a sua fé trinitária?

A Igreja exprime a sua fé trinitária ao confessar um só Deus em três Pessoas: Pai e Filho e Espírito Santo. As três Pessoas divinas são um só Deus porque cada uma delas é idêntica à plenitude da única e indivisível natureza divina. Elas são realmente distintas entre si pelas relações que as põem em referência umas com as outras: o Pai gera o Filho, o Filho é gerado pelo Pai, o Espírito Santo procede do Pai e do Filho. 249-256 266


9

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Arquidiocese

Caderno Dois

REUNIÃO

Arquidiocese intensifica trabalho pastoral Conselho de Pastoral discute o desafio social da presença da Igreja a serviço da vida

O

apresentados relatórios de conclusão e análise de trabalhos que aconteceram no semestre passado, que d e b a t e ra m o s d e s a f i o s previstos no plano de pastoral. O vigário-geral de pastoral, m o n s e n h o r Ra i m u n d o Possidônio da Mata, falou que o plano de pastoral é resultado de várias propostas que foram discutidas em uma Assembleia que ocorreu ano passado. “Estamos dando corpo a esse plano através das diversas propostas que estão chegando até nós e estamos nos organizando para que esse plano seja realizado como ações”, destacou o vigário. O plano será apresentado durante o período pascal. “Nós tomamos emprestado da CNBB o objetivo, e ele irá iluminar tudo aquilo que nós estamos ou iremos realizar, a evangelizar a partir de Jesus Cristo, como Igreja profética, missionária, uma Igreja de

Conselho Arquidiocesano de Pastoral reuniu no último dia 9, no Centro Social de Nazaré, vigários episcopais, coordenadores de setores de pastoral, párocos, representantes dos movimentos sociais, pastorais, religiosos, entre outros, para falar sobre a vida pastoral da Arquidiocese de Belém. “Esta reunião do Conselho de Pastoral serviu para darmos mais um passo. A a n á l i s e d a e s t r u t u ra pastoral da Arquidiocese de Belém a partir de agora foi o foco do nosso evento. Vamos estruturá-las nas d i ve r s a s d i m e n s õ e s d o trabalho, da ação pastoral, do testemunho da Igreja para que nós continuemos essa dimensão missionária e de evangelização”, disse o Arcebispo Metropolitano de Belém, dom Alberto Taveira Corrêa. No encontro foram

LUIZ ESTUMANO

w CONSELHO Dom Alberto alertou as lideranças para as cinco urgências da Igreja

comunhão para a realidade dos pobres e sobre tudo, a valorização da vida”, afirmou Mons. Cid. “Nós identificamos junto com a CNBB as grandes urgências que uma

igreja precisa. Que Ela seja missionária, que seja uma igreja comunidade de comunidades, que ela tenha a palavra de Deus como ponto de referência de tudo o que ela faz, o desafio da iniciação

cristã e o desafio social da presença da Igreja a serviço da vida. São cinco urgências da Igreja que nós estamos procurando respondê-las com fidelidade”, comentou dom Alberto.

Testemunho de Fé DIVULGAÇÃO

Há 16 anos tive uma febre muito alta, passei 28 dias internado no Hospital Barros Barreto, e lá descobri que eu tinha uma bactéria em meu estômago e que ocasionava hemorragia. Não conseguia comer nada, sentia muita dor de barriga como consequência da doença. Já havia se passado uma semana

e não melhorava. Foi quando o médico foi falar comigo, disse que me operaria depois de dois dias. Fiquei desesperado pois tinha medo de como seria a cirurgia. Estava com muito medo, quando lembrei da passagem de Jesus pela terra, e que ele é o médico dos médicos. Coloquei minhas mãos na direção so meu estômago e

clamei a Ele pela minha cura. Nisso senti uma paz que até hoje nunca senti. Eu vi a graça de Deus acontecer na minha vida, fui curado e agradeço Deus por esse milagre. CARLOS WAGNER CERQUEIRA DINIZ,

38 anos

Parabéns para você! LUIZ ESTUMANO

“Agradeço a Deus por mais um ano de vida. Agradeço também à minha mãe por ter me gerado, aos meus amigos e família por estarem nessa caminhada junto comigo.” PATRICIA TEIXEIRA DE OLIVEIRA, 45 anos, 17 de março 15/3 Antônia Sueli Bezerra da Silva Antônio Maria Gomes Paes Barreto Clóvis Nunes Moita Dulcirene de Melo E Silva Edinúbia da Gama Marques Gloria Borges Fernandes de Vasconcelos

Lindalva Gaspar Corrêa de Almeida Maria Lygia Nassar Larêdo Paulo Ronaldo Carvalho dos Santos Zuleide Silva Gonçalves 16/3 Amélio Marques Paixão Corina Guerreiro Diniz Graça Araujo Graça Ferreira Herbert Tadeu P. de Matos Maria das Graças Delgado Maria Nazaré Damasceno de Araújo 17/3 Almir Oliveira Freitas Amaury Clodion Scerni Doralice Begot Valente Eliene Bezerra Leal Elizete Fernandes Maria Inez Rodrigues Fraga Maria Ivaneide Barbosa Santos Padre Luis Mosconi 18/3 Maria de Jesus Paixão da Conceição Maria José Batalha Cardoso Santana Maria de Lourdes Ribeiro Gomes Sebastião Assunção Favacho Silvia Leticia Hanako Vaz Yariwake 19/3 Alcinéia Maria da Costa Santos Hilda Heloisa Silva Nascimento José Antônio de Paula Guimarães José Costa Aleixo

Joseline Ferreira Oliveira Maria das Graças Bastos de Castro Maria José Fonseca Santos Maria de Lourdes Souza de Almeida 20/3 Darcy Dias da Silva Elitelma da Silva Portal João Carlos de Souza Jose Farias da Costa Jose Ramos Pereira Maria Jose Fonseca Koury 21/3

w

Albenize Gatto Cerqueira Carmelia Carreira Trindade Doralice Batista da Costa Francisco de Assis Reis Miranda Henrique Guerreiro Diniz Alvarenga Maria Célia Rabelo Maria das Graças Maia Moreira Maria das Graças Pires da Costa Nahir de Souza Paiva Renato Rego Silva Sonia Maria Saraiva Pereira Terezinha Dias Garcês

Aniversário natalício de padres e diáconos diocesanos 15/3 - Pe. Mauro da Silva Sevalho 15/3 - Diác. João da Graça Costa Rodrigues 16/3 - Diác. Antônio de Souza Martins 17/3 - Pe. Adalberto do Espírito Santo Brandão 17/3 - Diác. Raimundo Israel Tavares Martins 18/3 - Diác. Ademirson Dias de Oliveira 20/3 - Diác. Miguel Jorge de Amorim Pinto 20/3 - Diác. Roberto Taylor Miranda Lima 21/3 - Pe. Roberto Emílio Cavalli Júnior 21/3 - Diác. José Bento Marruaz da Silva

w

Aniversário de ordenação dos padres e diáconos diocesanos 19/3 - Pe. Andréas Albertus Cornelis Heijligers

Ajude a manter a Fundação Nazaré de Comunicação. Ligue para 4006-9200 e seja sócio da Família Nazaré. CARLOS WAGNER CERQUEIRA DINIZ

,


10

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

A semana

Caderno Dois AGENDA DE DOM TEODORO TAVARES

AGENDA DE DOM ALBERTO CORRÊA n De 15 a 21 de março

n De 15 a 21 de março

w Dia 16, sábado 09:00 - 17:30 - Dia de Formação para os Diáconos Permanentes - Espiritualidade no Ano da Fé 19:30 - 20:30 - Missa na Festividade. Padroeiro na Comunidade São José Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus nas Águas Lindas. w Dia 17, domingo 11:00 - 12:00 - Missa/Saudação Curso Bíblico 2013 - No Centro Social de Nazaré w Dia 19, terça-feira 07:00 - 08:00 - Missa da Solenidade de São José na Paróquia São José de Queluz 10:00 - 11:00 - Missa na Comunidade Sementes do Verbo 19:00 - 20:00 - Missa na Paróquia São José w Dia 20 quarta-feira 20:00 - 21:30 - Reunião do Conselho de Diáconos Permanentes - CADIP w Dia 21, quinta-feira 19:00 - 20:00 - Missa com a Comunidade Nova Aliança - Renovação dos Compromissos.

w Dia 15, sexta-feira Visita Pastoral na Paróquia São Judas Tadeus w Dia 16, sábado Visita Pastoral na Paróquia São Judas Tadeus w Dia 17, domingo Visita Pastoral na Paróquia São Judas Tadeus w Dia 18, segunda-feira 8h30 - Reunião da Pastoral Afro 19h30 - Missa na Comunidade São José Paróquia Santa Tere zinha em Ananindeua w Dia 19, terça-feira Manhã - Instituto Regional de Filosofia e Teologia 18h - Missa na Comunidade São José Paróquia São Raimundo Nonato - Telégrafo w Dia 21, quinta-feira 19h30 - Missa e Crisma na Basílica Santuário

Os compromissos de Dom Alberto Taveira podem sofrer alterações sem aviso prévio.

Os compromissos de Dom Teodoro Mendes Tavares podem sofrer alterações sem aviso prévio.

Horários de Missas na Arquidiocese de Belém REGIÃO EPISCOPAL DE SANT’ANA

Telefone: 3226-2151/ 3226-2612

Nossa Senhora da Graça

Terra Firme - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 8h30 e 19h30 Telefone: 3253-2656

(Catedral) Cidade Velha - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 19h Telefone: 3223-2362/ 3225-2715

Igreja N. S. das Mercês

(Reitoria) Comércio - Belém Sábado: 12h e 17h Domingo: 12h e 17h Telefone: 3212-3102

Sant'Ana da Campina

Comércio - Belém Sábado: 12h Domingo: 7h (Col. D. Bosco) 9h Telefone: 3230-3734 São Judas Tadeu

Condor - Belém Sábado: 18h Domingo: 7h e 18h Telefone: 3283-6020 Sta. Terezinha do Menino Jesus

Jurunas - Belém Sábado: 6h30 e 18h30 Domingo: 6h30, 8h30 e 18h Telefone: 3272-2251 Santo Antônio de Lisboa

Batista Campos - Belém Sábado: 6h30, 12h, 17h e 18h30 Domingo: 8h, 11h, 17h, 18h30 e 20h Telefone: 3215-7004/ 3222-0097 Santíssima Trindade

Capina - Belém Sábado: 16h Domingo: 7h, 10h, 11h30, 17h30 e 19h Telefone: 3215-7007/ 3242-4917 N. S. da Conceição

Cidade Velha - Belém Sábado: 18h30 Domingo: 6h30, 8h30 e 18h30 Telefone: 3215-7006 São José

Umarizal - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 11h e 19h Telefone: 3230-4916 Santa Luzia

Jurunas - Belém Sábado: 7h, 17h e 19h Domingo: 7h30 e 19h Telefone: 3271-2146

São Domingos de Gusmão

São Miguel

Cremação - Belém Sábado: 18h30 Domingo 7h30, 11h e 18h30 Telefone: 3283-6022 Nossa Senhora de Fátima

Fátima - Belém Sábado: 17h30 Domingo: 6h45, 8h30, 17h30e 19h30 Telefone: 3228-0864

Paróquia Santa Maria Goretti

Guamá - Belém Domingo: 9h30 e 18h Telefone: 3283-6023 N. S. de Nazaré (Basílica Santuário)

Nazaré - Belém Sábado: 7h, 8h30,12h,17h Domingo: 6h30, 8h, 10h, 16h30, 18h, 20h Telefone: 4009-8400 São Francisco de Assis

(Capuchinhos) São Brás - Belém Sábado: 19h30 Domingo: 6h, 7h30,9h30,18h, 20h Telefone: 3073-1500 Santo Antônio do Tucunduba

Guamá - Belém Sábado: 19h30 Domingo: 7h e 19h30

REGIÃO EPISCOPAL SANTA CRUZ Imaculada Conceição

Castanheira - Belém Sábado: 17h Domingo: 7h e 19h Telefone: 3277-4642 São Sebastião

Sacramenta - Belém Sábado e domingo: 7h; 17h e 19h Telefone: 3264-9060/3254-7354 Jesus Ressuscitado

Marambaia - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 19h Telefone: 3277-4643 São Geraldo Magela

REGIÃO EPISCOPAL SANTA MARIA GORETTI

Val de Cans - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h30 e 18h Telefone: 3257-7950

São Pedro e São Paulo

N. S. do Perpétuo Socorro

Guamá - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 18h30 Telefone: 3283-6021/ 3259-0413 19h30 - Missa na Comunidade São José -

São José de Queluz

Canudos - Belém Sábado: 6h30 e 20h Domingo: 7h, 8h30, 17h30 e 20h

Telégrafo - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 8h30, 17h30 e 19h Telefone: 3264-9061 São Jorge

Marambaia - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h30, 9h, 17h, 19h Telefone: 3277-4641

São Raimundo Nonato

Umarizal - Belém. Sábado e domingo: 6h30 e 18h Telefone: 3277-4644

Santa Cruz

Marco - Belém Sábado: 7h e 18h30 Domingo: 7h, 9h, 11h30 e 18h30 Telefone: 3277-4640/3276-0941

Nossa Senhora da Conceição Aparecida

Pedreira - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h, 19h Telefone: 3233-4224/3276-9573

São Francisco Xavier

Marco - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 8h, 18h Telefone: 3283-3052

Nossa Senhora Mãe da Divina Providência

Val de Cans - Belém Sábado:19h Domingo: 7h e 19h Telefone: 3257-2388

Sagrada Família

Curió Utinga - Belém. Sábado: 7h e 19h30 Domingo: 7h, 9h e 19h30 REGIÃO EPISCOPAL SÃO JOÃO BATISTA

São João Batista e Nossa Senhora das Graças

Icoaraci - Belém. Sábado: 6h30 e 20h Domingo: 7h, 10h, 18h Telefone: 3297-7250

São Francisco de Assis

Tapanã - Belém Domingo: 7h e 18h30 Telefone: 3258-8036

Nossa Senhora de Fátima

Icoaraci - Belém Sábado: 20h Domingo: 7h, 19h Telefone: 3297-7251

Jesus Bom Samaritano

Tapanã - Belém. Sábado: 7h Domingo: 7h30 e 19h30 Telefone: 3033-2004

São Francisco das Ilhas

Domingo: 7h, 10h e 19h N. S. da Imaculada Conceição

Outeiro - Belém Sábado: 8h Domingo: 7h Telefone: 3277-4648

N. S. do Bom Remédio

Conjunto Satélite - Belém Sábado: 17h30 Domingo: 7h, 18h30 Telefone: 3289-5355

Natividade de Nosso Senhor Jesus Cristo

Conjunto Sideral - Belém Domingo: 7h, 9h, 18h Telefone: 3288-4250

Santo Antônio de Pádua

Coqueiro - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h e 18h Telefone: 3237-8350

Santo Afonso de Ligório

Catalina - Belém Sábado: 19h30

Coqueiro - Ananindeua Sábado: 7h Domingo: 7h, 9h30, 19h30 Telefone: 3263-0603

Santo Inácio de Loyola

Icui Guajará - Ananindeua Domingo: 7h, 18h Telefone: 3295-3545

São Lucas Evangelista

Guajará - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h, 18h Telefone: 3279-2621

N. S. de Guadalupe

REGIÃO EPISCOPAL MENINO DEUS

Cristo Peregrino

Una - Ananindeua Sábado: 6h30 Domingo: 7h, 20h Telefone: 3234-4674

N. S. Auxiliadora

Anita Gerosa (Aurá) - Ananindeua Domingo: 7h e 18h Telefones: 3255-3828

N. S. das Vitórias

Almir Gabriel - Marituba Sábado: 19h Domingo: 7h, 19h Telefone: 3256-7655

Sagrado Coração de Jesus

Júlia Seffer - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h30, 9h, 18h Telefone: 3265-5413

Sagrado Coração de Jesus

Distrito Industrial - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h, 8h30, 17h30 Telefone: 3255-9475

N. S. de Nazaré

Coração Eucarístico de Jesus

Divino Espírito Santo

Arcanjo São Miguel

Santa Edwiges

Bengui - Belém Domingo: 7h, 9h, 18h30 Telefone: 3277-4645

Guanabara - Ananindeua Domingo: 7h, 9h30, 19h30 Telefone: 3235-1405

Santa Teresinha

Menino Deus

N. S. Rainha da Paz

Cristo Rei

Pratinha - Belém Sábado: 19h Domingo: 8h30, 19h Telefone: 3258-1554/3274-8281

Cotijuba - Belém Sábado: 19h30; Domingo: 8h, 9h30, 19h30 Telefone: 3247-1438 Nova Marambaia - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h30, 18h Telefone: 3279-1654

Domingo: 6h30, 9h30, 19h30 Telefone: (91) 3771-1278 REGIÃO EPISCOPAL SÃO VICENTE DE PAULO

Centro - Marituba Domingo: 6h, 8h30, 18h Telefone: 3237-8351 Colônia - Marituba Domingo: 9h Telefone: 3279-2624

N. S. das Graças

Centro - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h, 19h Telefone: 3255-2654

N. S. do Ó

Vila - Mosqueiro Sábado: 19h30

Águas Lindas - Ananindeua Domingo: 7h30, 18h Telefone: 3245-7440 Coqueiro - Ananindeua Sábado: 18h30 Domingo: 7h, 9h, 18h Telefone: 3245-7440 Jaderlândia - Ananindeua Domingo: 19h Telefone: 3237-9891

Santa Paula Frassinetti

Cidade Nova VI - Ananindeua Sábado: 19h30; Domingo: 6h30, 8h15, 18h Telefone: 3279-2620

Transfiguração do Senhor

Curuçambá - Ananindeua Sábado: 18h30, 20h Domingo: 7h30, 19h Telefone: 3282-1274

Santa Rita de Cássia

Cidade Nova V - Ananindeua. Sábado: 6h30, 17h30 Domingo: 6h30, 8h30, 17h30, 19h30. Telefone: 3273-3191/ 3273-3310

São Vicente de Paulo

Paar - Ananindeua Domingo: 7h, 8h30, 19h Telefone: 3283-8400

São José Operário

Conj. Carnaúba, Icuí Domingo: 7h e 18h Telefone: (91) 3295-3545/ 3031-1172

Não encontrou o horário da sua paróquia aqui?

Entre em contato com seu pároco ou com a secretaria da sua paróquia e solicite que nos informem para podermos publicar.


11

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Fundação Nazaré

Caderno Dois

Escute na Rádio Nazaré SEXTA - FEIRA 05h00 - Abertura da Emissora 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Oração do Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Luminosos 06h00 - Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 06h30 - A Bíblia ao alcance de todos 06h50 - Caminhando na Fé 06h55 - Prestando Contas 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h30 - Especial Roberto Carlos 08h00 - Retiro Quaresmal - Retiro Popular 08h55 - Plantão R C R 09h30 - Informe Noticias 09h55 - Plantão RCR 10h00 - Vitrine 10h30 - Informe Notícia 11h55 - Momento de Oração - Oração do Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Estação Segurança 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 15h55 - Plantão R C R 16h00 - Freqüência Musical 16h30 - Informe Notícia 17h30 - Informe Notícia 17h45 - Liturgia das horas - Vésperas 17h55 - Oração do Ângelus 18h00 - Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Saudade em Versos e Canções 22h00 - A voz do pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - Mensagem de Encerramento 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio SÁBADO 05h00 - Abertura da Emissora 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Oração do Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Gozosos 06h00 - Voz do Pastor 06h30 - Questão de Fé 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h30 - Especial Roberto Carlos 08h00 - Conhecendo Jesus 10h00 - Maria de Todos os Povos 11h55 - Momento de Oração - Oração do Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Caminho Aberto 15h00 - Criança Evangelizando Criança 16h00 - Evangelizando Através do Dizimo 17h00 - Musical Nazaré

LUIZ ESTUMANO

17h45 - Oração das Vésperas 17h55 - Oração do Ângelus 18h00 - Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Gozosos 18h30 - Musical Mariano 18h30 - Preparando a Festa 19h00 - Musical Nazaré 22h00 - A voz do Pastor 22h15 - Domínio jovem 23h50 - Mensagem de Encerramento 00h00 - Rede Milícia Sat DOMINGO 05h00 - Abertura da Emissora 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Oração do Ângelus, 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Gloriosos 06h00 - Voz do Pastor 06h30 - Preparando a Festa 07h00 - SANTA MISSA 08h00 - Vem e Segue-me 10h00 - Domingo Alegre 11h55 - Momento de Oração - Oração do Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - A Vida e o Tempo - Envelhecer de Bem com a Vida 16h00 - As Mais Tocadas 17h00 - Raiz do Céu 17h55 - Oração do Ângelus 18h00 - Voz do Pastor 18h15 - Liturgia das Horas - Vésperas 18h30 - Oração do Terço - Mistérios Gloriosos 19h00 - Clássico Nazaré 20h00 - Circuito M P B 22h00 - A voz do Pastor 22h15 - Especial PE. Zezinho 23h50 - Mensagem de Encerramento 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio SEGUNDA - FEIRA 05h00 - Abertura da Emissora 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Oração do Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Luminosos 06h00 - Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 06h30 - A Bíblia ao alcance de todos 06h50 - Caminhando na Fé 06h55 - Prestando Contas 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h30 - Especial Roberto Carlos 08h00 - Retiro Quaresmal - Retiro Popular 08h55 - Plantão RCR 09h30 - Informe Notícia 09h55 - Plantão RCR 10h00 - Vitrine 10h30 - Informe Notícia 11h50 - Momento de Oração - Oração do Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do Pastor

O

p r o g r a m a

“ E VA N G E L I Z A N D O ATRAVÉS DO DÍZIMO” busca

evangelizar e conscientizar o católico a ser dizimista na sua paróquia, testemunhando a sua fé através da prática de ser dizimista. É apresentado por ELÓI SANTIAGO e vai ao ar nos sábados às 16h.

12h20 - Cardápio Instrumental 14h00 - Saúde e Cidadania 14h30 - Informe Notícia 15h00 - Terço da misericórdia 15h30 - Informe Notícia 15h55 - Plantão RCR 16h00 - Freqüência Musical 16h30 - Informe Notícia 17h30 - Informe Notícia 17h50- Oração do Ângelus 17h45 - Liturgia das horas- Vésperas 18h00 - Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Gozosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Crescendo na Fé 21h00 - Orando com Você - Com. Maíra 22h00 - A voz do pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - Mensagem de Encerramento 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio TERÇA - FEIRA 05h00 - Abertura da Emissora

05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Oração do Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Luminosos 06h00 - Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 06h30 - A Bíblia ao alcance de todos 06h50 - Caminhando na Fé 06h55 - Prestando Contas 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h30 - Especial Roberto Carlos 08h00 - Retiro Quaresmal - Retiro Popular 08h55 - Plantão RCR 09h55 - Plantão RCR 10h00 - Vitrine 10h30 - Informe Notícia 11h55 - Momento de Oração - Oração do Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do Pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 - Direito e Cidadania 14h30 - Informe Notícia 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Notícia 15h55 - Plantão R C R 16h00 - Freqüência Musical 16h30 - Informe Notícia 17h25 - Informe Notícia 17h30 - Liturgia das Horas - Vésperas 17h45 - Voz do Pastor 18h00 - Novena Nossa Senhora Perpétuo Socorro 18h30 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Família em Ação 22h00 - A voz do pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - Mensagem de Encerramento 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio QUARTA - FEIRA 05h00 - Abertura da Emissora 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Oração do Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Luminosos 06h00 - Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 06h30 - A Bíblia ao alcance de todos 06h50 - Caminhando na Fé 06h55 - Prestando Contas 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h30 - Especial Roberto Carlos 08h00 - Retiro Quaresmal - Retiro Popular 08h55 - Plantão R C R 09h55 - Plantão RCR 10h00 - Vitrine 10h30 - Informe Notícia 11h55 - Momento de Oração - Oração do Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do Pastor - Reprise 12h15 - Cardápio Instrumental 13h30 - Informe Notícia 14h00 - Educação e Cidadania 14h30 - Informe Notícia

15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticia 15h55 - Plantão RCR 16h00 - Freqüência Musical 16h30 - Informe Notícia 17h30 - Informe Notícia 17h45 - Liturgia das horas - Vésperas 18h00 - Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Gloriosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Musical 21h00 - Orando com Você - Com. Mar adentro. 22h00 - A voz do pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - Mensagem de Encerramento 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio QUINTA - FEIRA 05h00 - Abertura da Emissora 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 - Oração do Ângelus 05h15 - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Luminosos 06h00 - Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 06h30 - A Bíblia ao alcance de todos 06h50 - Caminhando na Fé 06h55 - Prestando Contas 07h00 - Jornal Brasil Hoje 07h30 - Especial Roberto Carlos 08h00 - Retiro Quaresmal - Retiro Popular 08h55 - Plantão RCR 09h55 - Plantão RCR 10h00 - Vitrine 10h30 - Informe Notícia 11h55 - Momento de Oração - Oração do Ângelus, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 13h30 - Informe Notícia 14h00 - Entre nós 14h30 - Informe Notícia 15h00 - Terço da misericórdia 15h15 - Igreja em Diálogo 15h15 - Musical Nazaré 15h30 - Informe Notícia 15h55 - Plantão RCR 16h00 - Freqüência Musical 16h30 - Informe Notícia 17h30 - Informe Notícia 17h45 - Oração das Vésperas 18h00 - Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço - Mistérios Luminosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Amor à igreja 20h30 - Musical Nazaré 21h00 - Orando com Você - Com. Shalon 22h00 - A voz do Pastor 22h30 - Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - Mensagem de Encerramento 00h00 - Rede Milícia Sat - Igreja no Rádio

Assista na TV Nazaré SEXTA-FEIRA 00h00 00h05 02h30 02h45 02h50 03h00 03h55 04h00 05h00 05h15 05h20 05h25 05h55 05h58 06h00 06h30 06h45 06h55 07h00 07h55 08h00 10h15 10h55 11h00 11h45 12h00 12h30 12h35 13h00 13h30 13h45 13h50 14h00 15h00 15h30 16h10 16h30 17h00 17h15 17h20 17h30 18h00 18h55 19h00 19h35 19h55 20h00 20h15 20h20 20h30 20h50 21h00 22h00 22h30 23h58

A Palavra de Deus é Luz Mulher.com Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Palavra de Vida Eterna Evangeliza Show Palavra de Vida Eterna Diálogo Aberto Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Palavra de Vida Eterna Fazendo Esperança Consagração a Nª Sª de Nazaré Abertura da Programação da TV Terço Doloroso Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Palavra de Vida Eterna Santa Missa Palavra de Vida Eterna Mulher.com De Mãos Dadas Palavra de Vida Eterna Atelier na TV Desenho Nazaré Notícias Palavra de Vida Eterna Desenho Fazendo Esperança Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Mãe Maria Família em Foco De Coração De Mãos Dadas Desenho Fazendo Esperança Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Oração da Tarde Terço Doloroso Santa Missa Palavra de Vida Eterna Nazaré Notícias Desenho Palavra de Vida Eterna Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Mãe Maria Terra Santa News Eu Creio Caminho de Evangelização Nazaré Notícias Espaço Cultural Encerramento da Programação da TV

SÁBADO 00h00 02h00 02h30 03h00 04h00 05h00 05h55 05h58 06h00 06h30 06h55 07h00 07h45 07h50 08h00 08h30 09h00 10h00 11h00 12h00

Música Mensagem De Coração Conversa com Meu Povo Caminho de Evangelização Espaço Cultural Evangeliza Show Consagração a Nª Sª de Nazaré Abertura da Programação da TV Terço Gozoso Conversa com Meu Povo Palavra de Vida Eterna Notícias Pastorais Eu Creio JMJ Viola Brasil Igreja no Brasil Missa no Rio de Janeiro-RJ Diálogo Aberto Pesca Amazônia Notícias Pastorais

12h45 12h50 13h00 13h30 14h00 15h00 16h45 17h30 18h00 18h55 19h00 20h00 20h30 22h30 23h00 23h05 23h59

Eu Creio JMJ Viagem pela Amazônia Conversa com Meu Povo Pensando Bem Santa Missa e Adoração em São Paulo-SP Notícias Pastorais Terço Gozoso Especial Musical Palavra de Vida Eterna Encantos da Amazônia Conversa com Meu Povo Música Mensagem Conversa com Meu Povo Palavra de Vida Eterna Espaço Cultural Encerramento da Programação da TV

DIVULGAÇÃO

TERÇA-FEIRA

DOMINGO 00h00 02h00 03h00 04h00 04h30 05h30 05h45 05h55 05h58 06h00 06h30 06h55 07h00 08h00 08h45 08h50 09h00 09h30 10h00 11h00 12h00 12h45 12h50 13h00 13h30 13h40 14h40 14h55 15h00 16h00 16h05 17h00 17h30 17h55 18h00 19h00 20h00 21h00 22h30 22h35 23h35 23h58

Música Mensagem Vida Consagrada Oração e Adoração Igreja que Sofre Música Arte e Vida Sobre Todas as Coisas JMJ Consagração a Nª Sª de Nazaré Abertura da Programação da TV Terço Glorioso Igreja no Brasil Palavra de Vida Eterna Santa Missa - Capela de Lourdes Notícias Pastorais Eu Creio JMJ Desenho Viagem pela Amazônia Diálogo Aberto Pesca Amazônia Notícias Pastorais Eu Creio JMJ Igreja que Sofre Mãe Maria Encantos da Amazônia Ângelus Palavra de Vida Eterna Vida Consagrada Palavra de Vida Eterna Dedo de Prosa Desenho Terço Glorioso Palavra de Vida Eterna Missa Santuário Nacional de Aparecida Instrumetal Sesc Brasil Janela Aberta Espaço Cultural Palavra de Vida Eterna Questão de Fé Terço Glorioso Encerramento da Programação da TV

SEGUNDA-FEIRA 00h00 00h05 02h30 02h45 02h50 03h00 04h00 05h00 05h15 05h20 05h25 05h55 05h58 06h00 06h30

A Palavra de Deus é Luz Mulher.com Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Palavra de Vida Eterna Encantos da Amazônia Oração e Adoração Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Palavra de Vida Eterna Fazendo Esperança Consagração a Nª Sª de Nazaré Abertura da Programação da TV Terço Gozoso Caminhando Na Fé

23h20 Mãe Maria 23h30 Boas Notícias 23h58 Encerramento da Programação da TV

No programa “ATELIÊR o telespectador aprende de uma maneira descontraída as novidades e as tendências no segmento de artesanato, enriquecendo o seu conhecimento. É apresentado p o r D O T A N M AY O , d e segunda à sexta, às 10h. NA TV” ,

06h45 06h55 07h00 07h55 08h00 10h15 11h00 11h45 12h00 12h30 12h35 13h00 13h30 13h45 13h50 14h00 15h00 16h00 16h30 17h00 17h15 17h20 17h30 18h00 18h55 19h00 19h35 20h00 20h15 20h20 20h30 20h50 21h00 22h00 22h30 23h00 23h05

A Palavra de Deus é Luz Palavra de Vida Eterna Santa Missa Palavra de Vida Eterna Mulher.com De Mãos Dadas Atelier na TV Desenho Nazaré Notícias Palavra de Vida Eterna Desenho Fazendo Esperança Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Mãe Maria Família em Foco Diálogo Aberto De Palavras Fazendo Esperança Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Oração da Tarde Terço Gozoso Santa Missa Palavra de Vida Eterna Nazaré Notícias Desenho Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Mãe Maria Terra Santa News Eu Creio Janela Aberta Nazaré Notícias Igreja que Sofre Palavra de Vida Eterna Caminhando Na Fé

00h00 00h05 02h30 03h00 03h55 04h00 05h00 05h30 05h45 05h50 05h55 05h58 06h00 06h30 06h55 07h00 08h00 10h15 11h00 11h45 12h00 12h30 12h35 13h00 13h30 14h00 15h00 15h40 16h00 16h30 17h00 17h20 17h30 18h00 18h55 19h00 19h35 19h50 20h00 20h30 21h00 22h00 22h30 23h00 23h05 23h20 23h30 23h58

Palavra de Vida Eterna Mulher.com Conversa com Meu Povo Janela Aberta Palavra de Vida Eterna Diálogo Aberto Conversa com Meu Povo Sobre Todas as Coisas Palavra de Vida Eterna Eu Creio Consagração a Nª Sª de Nazaré Abertura da Programação da TV Terço Doloroso Conversa com Meu Povo Palavra de Vida Eterna Santa Missa Mulher.com De Mãos Dadas Atelier na TV Sobre Todas as Coisas Nazaré Notícias Palavra de Vida Eterna Desenho Igreja que Sofre Conversa com Meu Povo Desenho Novena do Perpétuo Socorro Sobre Todas as Coisas De Palavras Conversa com Meu Povo Desenho Oração da Tarde Terço Doloroso Santa Missa Palavra de Vida Eterna Nazaré Notícias Sobre Todas as Coisas Palavra de Vida Eterna Conversa com Meu Povo Igreja que Sofre Questão de Fé Nazaré Notícias Conversa com Meu Povo Palavra de Vida Eterna Sobre Todas as Coisas Mãe Maria Boas Notícias Encerramento da Programação da TV

QUARTA-FEIRA 00h00 00h05 02h30 02h45 02h50 03h00 03h40 03h55 04h00 05h00 05h15 05h20 05h25 05h55 05h58 06h00 06h30 06h45 06h55 07h00 07h55 08h00 10h15

A Palavra de Deus é Luz Mulher.com Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Palavra de Vida Eterna Novena do Perpétuo Socorro Mãe Maria Palavra de Vida Eterna Questão de Fé Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Palavra de Vida Eterna Fazendo Esperança Consagração a Nª Sª de Nazaré Abertura da Programação da TV Terço Glorioso Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Palavra de Vida Eterna Santa Missa Palavra de Vida Eterna Mulher.com De Mãos Dadas

11h00 11h45 12h00 12h30 12h35 13h00 13h30 13h45 13h50 14h00 15h00 16h00 16h30 17h00 17h15 17h20 17h30 18h00 18h55 19h00 19h35 20h00 21h00 22h00 22h30 23h00 23h05 23h20 23h30 23h58

Atelier na TV Desenho Nazaré Notícias Palavra de Vida Eterna Desenho Fazendo Esperança Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Mãe Maria Família em Foco Pensando Bem De Palavras Fazendo Esperança Caminhando Na Fé A Palavra de Deus é Luz Oração da Tarde Terço Glorioso Santa Missa Palavra de Vida Eterna Nazaré Notícias Caminhando Na Fé Encantos da Amazônia Vida Consagrada Nazaré Notícias De Coração Palavra de Vida Eterna Caminhando Na Fé Mãe Maria Boas Notícias Encerramento da Programação da TV

QUINTA-FEIRA 00h00 00h05 02h30 03h00 03h55 04h00 05h00 05h30 05h45 05h50 05h55 05h58 06h00 06h30 06h55 07h00 08h00 10h15 11h00 11h45 12h00 12h30 12h35 13h00 13h30 14h00 15h00 16h00 16h30 17h00 17h20 17h30 18h00 18h55 19h00 19h35 19h50 20h00 20h30 21h00 22h00 22h30 23h00 23h05 23h20 23h30 23h58

Palavra de Vida Eterna Mulher.com Conversa com Meu Povo Pensando Bem Palavra de Vida Eterna Encantos da Amazônia Conversa com Meu Povo Sobre Todas as Coisas Palavra de Vida Eterna Eu Creio Consagração a Nª Sª de Nazaré Abertura da Programação da TV Terço Luminoso Conversa com Meu Povo Palavra de Vida Eterna Santa Missa Mulher.com De Mãos Dadas Atelier na TV Sobre Todas as Coisas Nazaré Notícias Palavra de Vida Eterna Desenho Igreja que Sofre Conversa com Meu Povo Desenho Diálogo Aberto De Palavras Conversa com Meu Povo Desenho Oração da Tarde Terço Luminoso Santa Missa Palavra de Vida Eterna Nazaré Notícias Sobre Todas as Coisas Palavra de Vida Eterna Conversa com Meu Povo Terra Santa News Evangeliza Show Nazaré Notícias Conversa com Meu Povo Palavra de Vida Eterna Sobre Todas as Coisas Mãe Maria Boas Notícias Encerramento da Programação da TV


12

BELÉM, DE 15 A 21 DE MARÇO DE 2013

Palavra Final

Caderno Dois DIVULGAÇÃO

Tesouros da Igreja IRMÃ ÂNGELA TUTAS

A eleição de um novo pontífice

A

o sentir com a Igreja o impacto social provocado pela renuncia do Papa Bento XVI resolvi escrever a respeito deste tema interrompendo a seqüência do último tema publicado em minha coluna mensal. Achei importante destacar alguns pontos a fim ajudar no esclarecimento da história do Conclave. Ao entregar a missão aos seus discípulos Jesus disse: “Eu chamo vocês de amigos, porque eu comuniquei a vocês tudo o que ouvi de meu Pai. Não foram vocês que me escolheram, mas fui eu que escolhi vocês” (Jo 15,15-16). O chamamento divino dos Romanos Pontífices é a manifestação da intenção do Coração de Jesus. São os Cardeais que votam, mas é a vontade divina que prevalece, para nós através das fumaças: negra ou branca comunicando a não escolha ou a eleição do novo Papa. É a

coisas através dos ensinamentos recebidos de Jesus Cristo, nosso Redentor. A história do Conclave é um ritual praticamente inalterado desde há oito séculos. Em 1274, o Papa Gregório X usou pela primeira vez o termo e instituiu os princípios dos actuais Conclaves. Um Conclave deve começar entre 15 e 20 dias depois da renúncia ou morte do Papa. Este prazo foi fixado no Evo Médio, quando a viagem até Roma demorava semanas. Hoje, mesmo com a chegada mais rapida dos Cardeais, manteve-se este intervalo para que aproveitem esse tempo para a organização de reuniões analisando os desafios da Igreja, embora esteja teoricamente proibido, sondar alianças e candidatos. O intervalo denomina-se novemdiales. Este período termina com a missa Pro Eligendo Papa, com a presença dos Cardeais na Basílica de São Pedro na mesma manhã em que começa o

A história do chamamento divino dos Romanos Pontífices é a manifestação da intenção do Coração de Jesus mão de Deus que move o Colégio dos Cardeais na realização de sua vontade pela ação do Espírito Santo que guia a Igreja. As cenas simples e recheadas de zelo para esse evento histórico nos remetem às origens da instituição do primado que Jesus confiou à Pedro ao entregar o poder de guiar sua Igreja sobre o qual é útil meditar na atual situação eclesial. O Conclave (do latim cum clave, significa com chave) é a reunião em clausura rigorosa dos Cardeais do mundo interio para a eleição do Novo Supremo Pontífice da Igreja. Durante esse tempo os Cardeais permanecem incomunicáveis com o exterior até haver um Papa escolhido. Na época atual a renuncia do Summo Pontífice Bento XVI ao pontificado foi um testemunho singular e uma grande lição de humildade e desapego para toda humanidade. O serviço de Deus é o alicerce sobre o qual se fundamenta o genuíno serviço dos homens, aquele que consiste em libertar as almas da escravidão do pecado e em reconduzir o homem ao necessário serviço de Deus. Com efeito, Deus quer fazer da humanidade um povo que o adore em “espírito e verdade” (Jo 4,23). A missão do Sumo Pontífice é um serviço espiritual e especial cujo desenvolvimento ocorre no Estado do Vaticano. Lá são tomadas as principais decisões em matéria de fé e dogmas do catolicismo. É na área das almas, das suas relações com Deus, e de seu relacionamento interior com os seus semelhantes que Sua Santidade tem uma função essencial a desempenhar. O serviço primordial é presidir e ajudar as almas a descobrir o Pai, a abrir-se para Ele e amá-lo sobre todas as

Conclave. Depois, os membros do Colégio Cardinalício dirigem-se à Capela Sistina, onde se fazem as votações. O direito de eleger o Papa é exclusivo dos Cardeais, exceptuando-se aqueles que tenham cumprido os 80 anos antes do anúncio da Sé Apostólica vacante. O último Papa que não era Cardeal foi Urbano VI, em 1378; os últimos Papas que eram laicos à data da eleição foram do século X - João XII e Leão VIII. O número total de Cardeais eleitores não pode ser superior a 120. O Conclave realiza-se obrigatoriamente dentro do Estado do Vaticano na Capela Sistina, decorrendo as suas sessões no maior secreto isolamento. As Regras de eleição do Pontífice Romano foram reformuladas pelo Papa Paulo VI no Motu Proprio Ingravescentem Aetatem (1970). Paulo VI fez ainda publicar a Constituição Apostólica Romano Pontífice Eligendo decretando três modalidades para a eleição do Papa: 1.Por aclamação, isto é um Cardeal propõe um nome e os outros Cardeais aceitam-no imediatamente. 2.Por compromisso, ou seja, por aceitação do nome decidido por um grupo de Cardeais. 3.Por votação. Neste último caso, o nome do Cardeal mais votado tinha que somar dois terços dos votos. Em 1996, João Paulo II na Constituição Apostólica Universi Dominici Gregis, restringiu a eleição do Papa a uma só modalidade: por votação, ou seja, per scrutinium, post-scrutinium, que compreende três passos. O primeiro é a contagem dos votos, o segundo a sua verificação e o terceiro a sua destruição pelo fogo.

Todos os Cardeais eleitores estão obrigados a manter segredo absoluto sobre tudo quanto respeite às sessões do Conclave. É-lhes vedado comunicar com o exterior por correio, via telefónica ou qualquer outro meio. A regra do sigilo é extensiva a todas as pessoas chamadas a prestar apoio técnico ou logístico às sessões do Conclave. Normalmente os conclaves duram entre 2 a 5 dias. No século XX o mais rápido foi o de 1939 que elegeu Pio XII em dois dias e três votações e o mais demorado o de 1922 que elegeu Pio XI em cinco dias e catorze votações. Os conclaves mais antigos seguiam menos regras tanto podiam durar por longo tempo, como o da eleição do Papa Celestino V entre 1292 e 1294 que demorou 27 meses, ou ficar decididos em poucas horas, como o de 1503 de onde saiu eleito o Papa Júlio II. É importante tomar consciência de que a função do Romano Pontífice se desenvolve hoje no ambiente organizado de uma sociedade secularizada, cuja característica é o eclipse progressivo do sagrado e a eliminação sistemática dos valores religiosos. O Novo Papa será chamado a realizar no mundo de hoje a salvação como sinal e instrumento do mundo invisível com desafios que não constavam em épocas anteriores. Deverá exercer sua função com prudência, mas confiante, viver entre os homens para partilhar suas angustias e esperanças, para confortar-lhes os esforços de libertação e de justiça, mas não se deixando influenciar pelos elementos mundanos, nem pelo Príncipe maligno (Jo 17, 14-15). São Paulo convida a todos: “Não vos conformeis com a mentalidade deste mundo” - Nolite conformari huic saeculo (Rm 12,1-2). A força do Verdadeiro Pastor não está no conformismo, mas na firmeza com que ele conduz seu rebanho. A luz antecede as trevas

para poder iluminar o caminho de quem se encontra na escuridão. O calor diverge do gelo para aquecer os membros enrijecidos pelo frio, assim como o sal é que dá o sabor à comida. Cristo nos chama luz e sal da terra. Num mundo dissipado e confuso como o nosso, a manifestação dos sinais está, exatamente, em ser diferente para dar continuidade à missão de Jesus. Nesse sentido o Novo Romano Pontífice deverá destacar-se tanto mais na disseminação da fé quanto na ação apostólica que se exige do expoente máximo do catolicismo. Um dos grandes Pontífices da Igreja, São Gregório Magno adverte: “Não ouse assumir a responsabilidade do magistério quem não estiver preparado”. O maior dano que se pode causar a Igreja é quando alguém que tem um título e uma posição que comportam santidade, porém não corresponde em seu agir. “Nas matas cortam-se as madeiras que hão de servir para a construção; mas, enquanto estão ainda verdes, não se lhes põe em cima o peso do edifício; mas só depois que um largo espaço de muitos dias as tenha secado e tornado aptas para o fim em que se querem empregar; e, se por acaso há descuidado nestas precauções, bem depressa se esbarrondam debaixo do peso que se lhes põe em cima (Epist. 1,IX, ep. 106). Daí todo o cuidado que se nota na preparação do Conclave para a eleição do futuro sucessor de São Pedro. Por fim, devemos entrar em sintonia com o Colégio Cardinalício rezando para que o sinal da escolha seja realmente a expressão da vontade de Deus e a fumaça branca ao nos transmitir a eleição nos traga a boa nova: Habemus Papa! Irmã Ângela Tutas é doutora em “Scientiis Eclesiasticis Orientalibus” e professora de Patrística no Instituto Regional para Formação Presbiteral da CNBB Norte 2.

Próximos artigos: Maria Elisa Bessa de Castro

Pe. Giovanni Martoccia

Pe. Fábio de Melo

Pe. Reginaldo Manzotti


Voz de Nazaré  

Edição de 15 a 21 de Março de 2013

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you