Page 1

ARQUIDIOCESE

DE BELÉM

PE. FLORENCE DUBOIS FUNDADOR

www.fundacaonazare.com.br BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

O JORNAL CATÓLICO DA FAMÍLIA

ANO CIV - Nº 830 - PREÇO AVULSO: R$1,00

Solenidade de São Pedro e São Paulo Arcebispo de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, reflete sobre a missão dos apóstolos Pedro e Paulo, considerados as colunas da Igreja. Comunidades diocesanas movimentam-se para homenagens no dia 29. CAD. 1, PÁG. 3 E CAD. 2, PÁG. 1 LUIZ ESTUMANO

w SÃO PEDRO E SÃO PAULO recebem as homenagens do povo de Deus na Santa Sé, no Vaticano, e também na Arquidiocese de Belém

Benfica acolhe Dom Antônio

Guardas de Nazaré

Agenda de missas nas férias

Mais de 300 novos homens foram formados coBispo auxiliar esteve na junho na Paróquia da Con- mo Guardas de Nazaré. Paróquias situadas em rios diferenciados durante comunidade de 12 a 17 de ceição. CADERNO 2, PÁG. 7 CADERNO 2, PÁG. 8 balneários agendam horá- mês de julho. CAD. PÁG. 3 DIVULGAÇÃO

w CELEBRAÇÕES Dom Antônio presidiu missas durante a Visita Pastoral

LUIZ ESTUMANO

w BALNEÁRIOS nesta época já é tradição a chegada de muitos veranistas


2

Opinião

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

1º Caderno

PRIVILÉGIO DE SER CATÓLICO

CHARGE DO ANDRÉ ABREU

João Carlos Pereira

Jornalista e professor jcparis@orm.com.br

No país da Copa, menos de 1% da população é católica

Comente esta charge:

C

voz@fundacaonazare.com.br

Relembrando com saudade nosso querido chargista André Abreu

PANORAMA José Pereira Ramos joseulina1@gmail.com

Mérito honorário

E

Economista e escritor

ste modesto escriba, com surpresa recebeu a notícia de que a Embaixada Nacional da Academia de Letras do Brasil, Sessão de Belém, resolveu homenagear meu falecido irmão, Dom Alberto Gaudêncio Ramos, com o título honorífico “in memoriam” de “Causas Imortais”, como descreve o diploma que recebi. É mais um diploma a ser acrescentado à coleção dos 147 que temos colecionados e que deveremos entregar à Arquidiocese, quando for organizado o seu Museu. Também me foi atribuído, pela Embaixada Nacional da ilustre Academia, o honroso título de Filósofo Imortal “Honoris Causa”, por indicação do Dr. PHI Prof. José Ribamar Gomes de Oliveira, e que me foi entregue em sessão solene no dia 22 do corrente. A sessão foi presidida e secretariada pelos acadêmicos José Milton

ENCONTRO FRATERNO Ivens Coimbra Brandão

ivenscb@oi.com.br; ivenscb@gmail.com

São Pedro e São Paulo

É

Engenheiro civil e escritor

com a devida vênia que ora transcrevo o texto seguinte, publicado neste jornal há três anos, para partilhar mais uma vez a minha admiração pela coragem desses gigantes da evangelização no início da caminhada da Igreja. Simão, filho de Jonas, depois chamado Pedro (cf. Mt 16,17), era pescador. Nascido em Betsaida, morava na vizinha Cafarnaum, cidades situadas no entorno do lago Tiberíades, na Galileia. Foi um dos três dentre os primeiros convocados por Jesus Cristo (cf. Mt 4, 18-19; Mc 1, 16-18), o primeiro discípulo a proclamar: “Tu és o Messias, o Filho de Deus vivo” (cf. Mt 16, 16). Liderou a evangelização dos judeus de Jerusalém e foi o fundador da Igreja de Roma, sendo reconhecido como o primeiro Papa ao receber a outorga do próprio Cris-

Fundado em 5 de julho de 1913 FUNDADOR Pe. Florence Dubois, barnabita

ARQUIDIOCESE DE BELÉM-PARÁ

PRESIDENTE Dom Alberto Taveira Corrêa Arcebispo Metropolitano de Belém do Pará VICE-PRESIDENTE Monsenhor Marcelino Ferreira Vigário-geral da Arquidiocese de Belém do Pará

Brito e José Carlos de Oliveira, estando presente, com o seu grupo de jovens cantores, o Pe. Luiz Rabelo dos Santos. Resta-me agradecer esta grande honraria e permanecer digno dela. Sempre fui alheio a exterioridades, preferindo a humildade, porém, tratando-se de homenagem correlata também a meu saudoso irmão, Dom Alberto Ramos, não poderia deixar de expressar o meu agradecimento em sua memória. Após o seu falecimento, já recebi mais de dez homenagens, medalhas, placas e títulos, e aguardo que o atual Cabido Metropolitano possa realizar o Museu Arquidiocesano para testemunhar a história da Igreja na Amazônia. As homenagens acima foram promovidas pela ALB – Instituto de Cultura Internacional, e CONALB – Conselho Nacional de Academias de L etras do Brasil, presididas pelo Dr. PHD/PHI Mário Lopes Carbajal, de Brasília, e pelo Dr. PHI Prof. José Ribamar G. de Oliveira, Presidente do Conselho Superior Estadual da ALB. Está assim respondida a pergunta daquele que me consultou, que homenagem era essa. to (cf. Mt 16,18). Foi crucificado em Roma, pedindo que ficasse de cabeça para baixo, por julgar-se indigno de seu martírio igualar-se ao de Cristo. Saulo, depois Paulo, era filho de judeus, da tribo de Benjamim, nascido em Tarso, região da Cilícia. Educado em Jerusalém, estudou na escola de Gamaliel (cf. At 22, 3), uma reconhecida escola de formação sobre a lei judaica. Mestre e fariseu, cidadão romano (cf. At 16, 37), reunia condições de severo perseguidor dos cristãos (cf. At 22, 4). Sua conversão aconteceu a caminho de Damasco, diante de uma ‘grande luz’ que vinha do céu, ao ser questionado pelo próprio Cristo (cf. At 22, 6-16). São Paulo é conhecido como ‘Apóstolo dos Gentios’, por se dedicar à evangelização dos pagãos. Empreendeu quatro grandes viagens, percorrendo milhares de quilômetros, fundando comunidades e levando a ‘salvação até aos extremos da terra’. (cf. At 13, 47). Como era cidadão romano, foi martirizado fora dos muros de Roma. Que o exemplo de São Pedro e São Paulo ilumine nossa caminhada, anime nosso compromisso de batizados.

DIRETOR GERAL Padre Roberto Emílio Cavalli Junior DIRETOR ADMINISTRATIVO E FINANCEIRO Marcos Aurélio de Oliveira DIRETOR DE COMUNICAÇÃO Mário Jorge Alves da Silva DIRETOR DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS Arnaldo Pinheiro

om a bola rolando nos estádios da Rússia e as televisões mostrando não apenas as partidas, mas a cultura daquele país, seria bom olhar um pouco para a questão religiosa, tão cara aos brasileiros e jogar luz sobre o catolicismo na Rússia, praticado por menos de 1% dos cerca de 146 milhões de russos. Se todos eles decidissem (ou pudessem) vir acompanhar o Círio de Nossa Senhora de Nazaré e nós, delicadamente, abríssemos espaço só para eles, sentiríamos falta de pelo menos mais 500 mil pessoas. A tão pequena, mas nem por isso menos expressiva, quantidade de católicos num país que possui o dobro do tamanho do Brasil tem explicação. Em 1054 o patriarca Miguel Cerulário, de Constantinopla, criou um cisma tão largo, afastando de vez os católicos que aceitavam a autoridade do Papa, daqueles que não o reconheciam como líder espiritual. A palavra Ortodoxa pode ser traduzida como “igreja da opinião correta” ou “igreja

da glória verdadeira”, segundo os eslavos, mas também é correto dizer Igreja Católica Ortodoxa. Hoje, essa Igreja reúne 14 células cristãs autônomas, herdeiras da cristandade do Império Bizantino, que reconhece o primado do Patriarcado Ecumênico de Constantinopla. Ela acredita ser a mesma instituição fundada por Jesus e considera seus líderes como sucessores dos apóstolos. Se fizermos a conta a partir da chamada Igreja Primitiva, a Igreja Ortodoxa tem aproximadamente dois mil anos. É a segunda maior religião cristã – atrás apenas do catolicismo – com cerca de 250 milhões de fiéis. As maiores igrejas locais são as da Rússia e da Romênia. Desde Paulo VI que se realizam grandes esforços em busca da proximidade das igrejas do oriente e do ocidente. As excomunhões que se impuseram estão suspensas e o patriarca de Moscou participou da primeira missa do pontificado do papa Francisco. Os avanços continuam.

ASSIM NA TERRA COMO NO CÉU ... Pe. Helio Fronczak

heliofronczak@gmail.com

O gnosticismo

O

Papa Francisco inicia o segundo capítulo da sua exortação “Alegrai-vos e exultai” chamando a atenção para dois perigos da santidade: o gnosticismo e o pelagianismo. São duas heresias dos primeiros séculos do cristianismo, mas continuam a ser de alarmante atualidade. Algumas frases do documento sobre o gnosticismo: - Este é “uma fé fechada no subjetivismo, onde apenas interessa uma determinada experiência ou uma série de raciocínios e conhecimentos que supostamente confortam e iluminam, mas, em última instância, a pessoa fica enclausurada na imanência da sua própria razão ou dos seus sentimentos”. - É típico dos gnósticos crer que eles, com as suas explicações, podem tornar perfeitamente compreensível toda a fé e todo o Evangelho. Absolutizam as suas teorias e obrigam os outros a submeter-se aos raciocínios que eles usam.

COORDENAÇÃO Bernadete Costa (DRT/PA 1326) CONSELHO DE PROGRAMAÇÃO E EDITORAÇÃO Padre Agostinho Filho de Souza Cruz Cônego Cláudio de Souza Barradas Edwaldo Lobo Monteiro EDITORAÇÃO ELETRÔNICA Sérgio Santos (DRT/PA 579) Assinaturas, distribuição, administração e redação Av. Gov. José Malcher, Ed. Paulo VI, 915 CEP: 66055-260

- O gnosticismo é uma das piores ideologias, pois, ...considera que a sua própria visão da realidade seja a perfeição. - O gnosticismo, “por sua natureza, quer domesticar o mistério”, tanto o mistério de Deus e da sua graça, como o mistério da vida dos outros. E no número 43 do documento, o Papa conclui: “Quero lembrar que, na Igreja, convivem legitimamente diferentes maneiras de interpretar muitos aspectos da doutrina e da vida cristã, que, na sua variedade, “ajudam a explicitar melhor o tesouro riquíssimo da Palavra. [Certamente] a quantos sonham com uma doutrina monolítica defendida sem nuances por todos, isto poderá parecer uma dispersão imperfeita”. Por isso mesmo, algumas correntes gnósticas desprezaram a simplicidade tão concreta do Evangelho e tentaram substituir o Deus trinitário e encarnado por uma Unidade superior onde desaparecia a rica multiplicidade da nossa história”.

- Nazaré, Belém - PA Tel.: (91) 4006-9200/ 4006-9209. Fax: (91) 4006-9227 Redação: (91) 4006-9200/ 4006-9238/ 4006-9239/ 4006-9244/ 4006-9245 Site: www.fundacaonazare.com.br E-mail: voz@fundacaonazare.com.br Um veículo da Fundação Nazaré de Comunicação CNPJ nº 83.369.470/0001-54 Impresso no parque gráfico de O Liberal

FUNDAÇÃO NAZARÉ DE COMUNICAÇÃO


1º Caderno

Arcebispo

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

3

Conversa com meu povo Dom Alberto Taveira Corrêa Arcebispo Metropolitano de Belém do Pará

G

randes ou pequenos países, ou times e seleções, cidades reconhecidas como metrópoles ou pequenas vilas! Gente de grande estatura ou os considerados baixinhos! Grande poderio militar ou fraqueza para enfrentar os agressores. Apetece-nos considerar produtos de nossa terra ou de nossas mãos como os melhores entre todos! E as comparações relativas aos vestidos e à moda, ou a grande competição existente pelo mundo afora. Vivemos continuamente jogados de um lado para outro, no pêndulo da existência, conduzidos a comparações, gestos de vaidade ou orgulho, eventuais traumas e complexos! Quem é grande ou pequeno? Nossa fé nos conduz a proclamar a grandeza de Deus, e ele se manifesta, como ao profeta Elias, numa brisa suave. Para atuar na história do mundo, escolheu um povo pequeno entre tantos, mas ciente de sua grandeza por ser depositário justamente da experiência do Deus único e verdadeiro, capaz de conduzir pelo deserto uma população inteira, alimentando-lhe a esperança da terra prometida, alcançada entre tantos percalços, para percorrer os séculos ameaçada pelas nações vizinhas e pelas suas próprias infidelidades e conflitos internos. Este povo, vermezinho de Jacó (Cf. Is 41,14), é amado com predileção! Deus escolhe o que é aparentemente insignificante! A grandeza está em ser amado! Em tempos antigos, assim proclamava um dos cânticos do Servo Sofredor: “Era o mais desprezado e abandonado de todos, homem do sofrimento, experimentado na dor, indivíduo de quem a gente desvia o olhar, repelente, dele nem tomamos conhecimento. Eram na verda-

Pequenos e grandes

DIVULGAÇÃO

w AS MONUMENTAIS ESTÁTUAS de São Pedro e São Paulo no alto da Basílica de São Pedro, no Vaticano, em Roma

Quem é grande ou pequeno? Nossa fé nos conduz a proclamar a grandeza de Deus, e ele se manifesta, como ao profeta Elias, numa brisa suave. de os nossos sofrimentos que ele carregava, eram as nossas dores, que levava às costas. Achávamos que ele era um castigado, ferido por Deus e massacrado. Mas estava sendo traspassado por causa de nossas rebeldias, estava sendo esmagado por nossos pecados. O castigo que teríamos de pagar caiu sobre ele, com os seus ferimentos veio a cura para nós. Como ovelhas estávamos todos perdidos, cada qual ia em frente por seu caminho. Foi então que o Senhor fez cair sobre ele o peso dos pecados de todos nós. Oprimido, ele se rebaixou, nem abriu a boca! Como cordeiro levado ao matadouro ou ovelha diante do tosquiador, ele ficou calado, sem abrir a boca” (Is 53,37). E de fato, enviando seu Filho ao mundo, eis como o Apóstolo São

Paulo descreve a trajetória de Jesus: “Ele, existindo em forma divina, não se apegou ao ser igual a Deus, mas despojou-se, assumindo a forma de escravo e tornando-se semelhante ao ser humano. E encontrado em aspecto humano, humilhou-se, fazendo-se obediente até a morte – e morte de cruz! Por isso, Deus o exaltou acima de tudo e lhe deu o Nome que está acima de todo nome, para que, no Nome de Jesus, todo joelho se dobre no céu, na terra e abaixo da terra, e toda língua confesse: “Jesus Cristo é o Senhor”, para a glória de Deus Pai (Fl 2,1-11). Tornou-se servo, pequeno e pobre, e por isso todo joelho se dobra diante dele. Este é o grande Senhor em quem acreditamos. Seus apóstolos e discípulos percorreram a mesma estrada. Simão

Pedro, aquele que foi posto como referência para os demais, diante da pesca milagrosa, caiu de joelhos diante de Jesus, dizendo: “Afasta-te de mim, Senhor, porque sou um pecador!” (Cf. Lc 5,8-11). Pequeno e frágil, tornou-se testemunha qualificada da Ressurreição do Senhor, mesmo depois de tê-lo negado três vezes. E nós o vemos representado em sua festa, celebrada nestes dias, com as chaves nas mãos. Até hoje seus sucessores trazem em sua missão o poder das chaves! Ao seu lado, a Igreja comemora São Paulo, o Apóstolo das Gentes. Seu nome quer dizer “pequeno”, e ele o reconhece em narrativas de sua vocação: “Do evangelho eu fui feito ministro, pelo dom da graça que Deus me concedeu segundo a força de seu poder. A mim, o me-

nor de todos os santos, foi concedida a graça de anunciar a todos a riqueza insondável de Cristo” (Ef 3,7-9). Nas coisas de Deus existe uma inversão total, quando o pequeno e insignificante é feito grande pela graça! E a Igreja, no seu conjunto, anunciadora e servidora do Reino, vai pelo caminho da pequenez, enfrentando as vicissitudes da história, apanhando de todo lado, mas segura de que as portas do inferno não vão prevalecer. A todos os cristãos se dirige a palavra do Senhor: “Buscai o Reino de Deus e a sua justiça, e essas coisas vos serão dadas por acréscimo. Não tenhas medo, pequeno rebanho, pois foi do agrado do vosso Pai dar-vos o Reino” (Cf. Lc 12,31-32). O mundo em que vivemos não é mais aquele da cristandade, de maioria católica. Respiramos a diversidade, com tudo o que pode ter de positivo e de negativo. E a Igreja se torna servidora de

todos, testemunha da verdade do Reino de Deus, a Igreja do lavapés, atenta de modo especial aos mais pobres, sofredores e pecadores. Quando celebramos os Santos Pedro e Paulo, a Igreja pode oferecer também ao mundo a figura do sucessor de Pedro, no qual também o zelo missionário de Paulo se expressa de modo exemplar em nosso tempo. A grandeza daquele que se faz servo dos servos de Deus, sucessor de Pedro, o Papa Francisco, nos permite ouvir e praticar o que se segue: “Saiamos para oferecer a todos a vida de Jesus Cristo! Prefiro uma Igreja acidentada, ferida e enlameada por ter saído pelas estradas, a uma Igreja enferma pelo fechamento e a comodidade de se agarrar às próprias seguranças” (Cf. Evangelii Gaudium, 49). Oremos neste dia do Papa, pedindo que o Espírito Santo conduza o Papa Francisco em seu grande ministério, no qual se faz pequeno e servidor de todos!


4

Arquidiocese

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

AGENDA DE DOM ANTÔNIO DE A. RIBEIRO

AGENDA DE DOM IRINEU ROMAN

AGENDA DE DOM ALBERTO CORRÊA n De 29 de junho a 5 de julho de 2018

n De 29 de junho a 5 de julho de 2018

n SEXTA-FEIRA, 29 E SÁBADO, 30 DE JUNHO

n SEXTA, 29 DE JUNHO 8h - Reunião - Terço dos Homens e Fundação Nazaré (Hotel Princesa Louçã) 10h - Audiências 12h - Missa - Paróquia Santana (Festa de São Pedro) 19h - Missa - Paróquia São Pedro Pescador – Mosqueiro n SÁBADO, 30 DE JUNHO 8h - Missa de Ação de Graças - aniversário Livraria Paulus 9h - Programa “Comunidade viva” 19h - Missa - Paróquia Santa Paula Frassineti n DOMINGO, 1 DE JULHO 9h - Encontro com a Juventude (Pastoral das Ilhas) 18h - Missa - Paróquia São Pedro e São Paulo n SEGUNDA, 2 DE JULHO 8h30 - Audiências 19h - Missa - Comunidade São Pedro e São Paulo (Paróquia Nossa Senhora do Livramento - Icoaraci) n TERÇA, 3 DE JULHO 8h30 - Audiências 10h - Atividades CNBB 19h - Missa na Área Missionária Madre Teresa de Calcutá - Icoaraci n QUARTA, 4 DE JULHO 8h30 - Audiências 18h - Missa de Ação de Graças - Aniversário do Banco da Amazônia (Basílica Santuário) n QUINTA, 5 DE JULHO 8h30 - Audiências 14h - Programa “Entre nós” - Rádio Nazaré FM 19h - Missa - Igreja Santo Antonio Maria Zaccaria (festividade)

Em Caruaru - PE

n DOMINGO, 1 DE JULHO

11h - Missa com a Comunidade Casa da Vitória 19h - Missa - Área Missionária São Paulo Apóstolo (Condomínio Salinas - Marituba)

n SEGUNDA, 2 DE JULHO

8h - Missa de abertura do Capítulo das Irmãs Legionárias de Nossa Senhora, Rainha dos Corações 10h - Gravações 15h - Gravações 19h - Missa (Paróquia Santa Maria Goretti)

n TERÇA-FEIRA, 3 DE JULHO

Em Aracaju - SE

n QUARTA-FEIRA, 4 DE JULHO

19h - Missa na Paróquia de São Pedro Pescador

n QUINTA-FEIRA, 5 DE JULHO

8h - Gravações 19h - Missa no Acamp’s (Comunidade Shalom) Os compromissos de Dom Alberto Taveira podem alterar- se sem aviso prévio.

1º Caderno

Os compromissos de Dom Irineu Roman podem sofrer alterações sem aviso prévio.

n De 29 de junho a 5 de julho de 2018

n SEXTA, 29 DE JUNHO 8h - Audiência 16h - Gravações 19h30 - Missa - Comunidade São Pedro (Paróquia Santa Teresinha – Tenoné) n SÁBADO, 30 DE JUNHO 7h30 - Gravações 10h - I Missa na Comunidade São Benedito - Canaã II Agrícola 16h - Retorno da visita pastoral - Benfica n DOMINGO, 1 DE JULHO 7h - Missa com Crisma - Paróquia Santo Inácio de Loyola – Icuí-Guajará 10h - Assembléia da Associação das Santas Missões Populares - Guamá 12h - Missa no Shopping Pátio Belém 15h30 - Missa no Shopping Metrópole - Ananindeua 19h - Missa - Festividade de São Pedro - Baía do Sol Mosqueiro n SEGUNDA, 2 DE JULHO 9h - Encontro formativo com religiosas 16h - Gravações 18h - Missa na Residência Episcopal n TERÇA, 3 DE JULHO 9h - Gravações 16h - Gravações 19h30 - Missa festiva de São Tomé - Paróquia da Transfiguração n QUARTA, 4 DE JUNHO 9h - Gravações 14h - Programa “Fé e vida” - Rádio Nazaré FM 16h - Reunião com a Comissão da Pastoral nos Shoppings 19h - Missa - Comunidade Santo Agostinho (Paróquia São Domingos de Gusmão) n QUINTA, 5 DE JULHO 8h - I retiro do Setor Juventude da Arquidiocese de Belém 11h - Missa com as Irmãs Legionárias

Os compromissos de Dom Antônio podem alterar-se sem aviso prévio.

HOMILIA DOMINICAL Padre Romeu Ferreira romeufsilva@gmail.com

A) Texto: Mt 16,13-19

Formado em Exegese pelo Pontifício Instituto Bíblico de Roma

13Jesus foi à região de Cesareia de Filipe e ali perguntou aos seus discípulos: “Quem dizem os homens ser o Filho do homem?” 14Eles responderam: “Alguns dizem que é João Batista; outros, ainda, que é Elias; outros, ainda, que é Jeremias ou algum dos profetas”.15Então Jesus lhes perguntou: “E vós, quem dizeis que eu sou?” 16Simão Pedro respondeu: “Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo”. 17Respondendo, Jesus lhe disse: “Feliz és tu Simão, filho de Jonas, porque não foi um ser humano que te revelou isso, mas o

meu Pai que está no céu. 18Por isso eu te digo que tu és Pedro e sobre esta pedra construirei a minha Igreja, e o poder do inferno nunca poderá vencê-la. 19Eu te darei as chaves do reino dos céus: tudo o que tu ligares na terra será ligado nos céus; tudo o que tu desligares na terra será desligado nos céus”. B) COMENTÁRIO Quem é Jesus? Todos querem saber. Ele pergunta e espera a resposta dos que estão consigo. Ele indaga seus discípulos: De um lado capta informações do grupo sobre o que “dizem por ai” referente à sua pessoa; e logo procura saber o que o próprio grupo diz. Então um deles, Pedro, res-

ponde por todos: “Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo” (v 16). Mas afinal, o que Jesus quer mesmo é saber a resposta pessoal: a minha, a sua, e a de cada um, em relação a ele. Na primeira abordagem, respondem que Jesus é um dos principais personagens bíblicos. Mas o espelho ainda não é fidedigno de seu rosto, e a segunda se faz necessária, para a felicidade advinda na revelação do Pai: “Feliz és tu Simão, filho de Jonas”! Na leitura há três pontos: 1º: “Jesus/Messias”. O primeiro interesse do texto é a proclamação da messianidade de Jesus: ele é o Messias prometido, esperado, o Cristo. E o conhecimento da pessoa de Jesus é graça, é dom de Deus

e não obra humana (v 17). 2º: “A Igreja”. Ela pertence a Cristo: “Por isso eu te digo que tu és Pedro e sobre esta pedra construirei a minha Igreja” (v.18). O fundamento sobre o qual se ergue o edifício da salvação é sólido. Ela é uma casa construída sobre a rocha, ainda que apoiada na “fragilidade” dos humanos. Mesmo assim, as forças do mal jamais prevalecerão contra ela, nos assevera o mestre. 3º:“Pedro”. A figura do apóstolo é definida aqui em três metáforas: a) pedra (v 18); b) chaves, e c) poder de ligar e desligar (v 19). Todas estas metáforas têm suas raízes imergidas nos textos messiânicos do Antigo Testamento, e apontam Pedro como “ponto de convergência” do Novo Povo de Deus.

Compreende-se, portanto, que a Igreja é fundada sobre a rocha, e esta rocha é a fé de Pedro. O poder que Jesus confere ao apóstolo é magnânimo: ligar e desligar na terra, o que Deus ligará e desligará no céu. “Céu e terra” são dois polos unidos na criação e não poderiam ser díspares na salvação. Pedro é “rocha” pela graça que lhe foi concedida e não por mérito. O Pedro que agora crê, depois o negará três vezes; mas logo o mestre lhe dá a oportunidade; ele aproveita e recupera totalmente em palavras, pela quantidade e qualidade do amor convicto e expresso em modo tríplice no “diálogo do amor” (Jo 21,15-19), que concerne a todos nós.

LITURGIA DA SEMANA

(festividade)

w 29/06, SEXTA-FEIRA Cor (verde) Primeira Leitura (2Rs 25,1-12) Responsório (Sl 136) Evangelho (Mt 8,1-4) w 30/06, SÁBADO Cor (verde) Primeira Leitura

(Lm 2, 2.10-14.18-19) Responsório (Sl 73) Evangelho (Mt 8,5-17) w 01/07, DOMINGO Cor (vermelho) Primeira Leitura (At 12,1-11) Responsório (Sl 33) Segunda Leitura

(2Tm 4,6-8.17-18) Evangelho (Mt 16,13-19) w 02/07, SEGUNDA-FEIRA Cor (verde) Primeira Leitura (Am 2,6-10.13-16) Responsório (Sl 49) Evangelho (Mt 8,18-22)

w 03/07, TERÇA-FEIRA Cor (vermelho) Primeira Leitura (Ef 2,19-22) Responsório (Sl 116) Evangelho (Jo 20,24-29) w 04/07, QUARTA-FEIRA Cor (verde) Primeira Leitura

(Am 5,14-15.21-24) Responsório (Sl 49) Evangelho (Mt 8,28-34) w 05/07, QUINTA-FEIRA Cor (verde) Primeira Leitura (Am 7,10-17) Responsório (Sl 18) Evangelho (Mt 9,1-8)


1º Caderno

Vaticano

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Papa no Angelus: família, um santuário da vida

5

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Em cada ser humano existe a marca de Deus

C

om informações Vatican News. O Papa Francisco rezou a oração mariana do Angelus, do domingo, 24, Solenidade da Natividade de São João Batista, com os fiéis e peregrinos de várias partes do mundo, presentes na Praça São Pedro. O nascimento de João Batista “é o evento que ilumina a vida de seus pais Isabel e Zacarias, e envolve os parentes e vizinhos na alegria e estupor. Esses pais idosos sonharam e prepararam aquele dia, mas agora não o esperavam mais. Sentiam-se excluídos, humilhados e desiludidos: não tinham filhos”. “Diante do anúncio do nascimento de um filho, Zacarias ficou incrédulo, porque as leis naturais não o permitiam: eram idosos. Consequente-

mente, o Senhor o tornou mudo durante todo o tempo da gestação”, frisou o Papa. CONFIAR

“É um sinal, mas Deus não depende de nossas lógicas e capacidades humanas limitadas. É preciso aprender a confiar e a se calar diante do mistério de Deus e a contemplar na humildade e no silêncio a sua obra, que se revela na história e que muitas vezes supera a nossa imaginação.” Agora que o evento se cumpre e Isabel e Zacarias experimentam que “para Deus nada é impossível”, grande é a sua alegria. “O Evangelho deste domingo anuncia o nascimento e depois se detém no momento da imposição do nome ao menino”, sublinhou Francisco.

“Isabel escolhe um nome estranho à tradição familiar e diz: ‘Ele vai chamar-se João’, dom gratuito e inesperado, porque João significa ‘Deus fez a graça’. Este menino será arauto, testemunha da graça de Deus para os pobres que esperam com fé humilde a sua salvação.” Zacarias confirma inesperadamente a escolha daquele nome, escrevendo-o numa tabuinha, porque estava mudo, e ‘no mesmo instante, a boca de Zacarias se abriu, sua língua se soltou, e ele começou a louvar a Deus’. GRATIDÃO

O nascimento de João Batista é circundado de uma sensação alegre de estupor, surpresa e gratidão. “Estupor, surpresa e gratidão. As pessoas ficaram tomadas pelo temor santo de Deus,

w PAPA FRANCISCO no Angelus, domingo, 24 de junho, dia de São João

e ‘a notícia espalhou-se por toda a região montanhosa da Judéia’.” Segundo o Papa, “o povo fiel entende que aconteceu algo de grande, embora humilde e escondido, e se pergunta: ‘O que virá a ser este menino?’ O povo fiel de Deus é capaz de viver a fé com alegria, com a sensação de estupor, surpresa e gratidão. Olhemos para as pessoas que falavam bem sobre esse fato maravilhoso, sobre esse milagre do nascimento de João, e faziam isso com alegria, estavam felizes, sentiam estupor, surpresa e gratidão”. “Olhando para isso, perguntemo-nos: como anda a minha fé? É

uma fé alegre ou uma fé sempre igual, uma fé plana? Fico surpreso quando vejo as obras do Senhor, quando ouço falar de evangelização ou da vida de um santo, ou quando vejo muitas pessoas boas: sinto a graça dentro ou nada se mexe dentro do meu coração? Sinto o consolo do Espírito ou estou fechado?” “Perguntemo-nos, cada um de nós, no exame de consciência: como está a minha fé? É alegre? É aberta às surpresas de Deus? Porque Deus é o Deus das surpresas. Experimentei na alma a sensação de estupor que a presença de Deus dá, o senso de gratidão? Pensemos nessas palavras

que foram de ânimo para a fé: alegria, sensação de estupor, surpresa e gratidão”, disse o Papa. FAMÍLIA

Francisco concluiu, pedindo à “Virgem Maria para que nos ajude a entender que em cada ser humano existe a marca de Deus, fonte da vida”. Que Maria, Mãe de Deus e nossa, “nos torne cada vez mais conscientes de que na gestação de um filho os pais agem como colaboradores de Deus. Uma missão realmente sublime que faz de toda família um santuário da vida e desperta, todo nascimento de um filho, a alegria, o estupor e a gratidão”.

Francisco: diálogo entre religiões diferentes é fonte de paz Com informações Vatican News. O Papa Francisco recebeu em audiência, no sábado, 23, na Sala dos Papas, no Vaticano, 22 membros da delegação “Emouna Fraternité Alumni”, que fornece a líderes religiosos uma formação multidisciplinar sobre instituições, responsabilidades e conhecimento de cada religião. A associação nasceu no âmbito do programa “Emouna - L’Amphi des religions” (Emouna – O anfiteatro das religiões), proposto e iniciado pelo Instituto de Estudos Políticos em Paris, com a participação de grandes religiões presentes na França. REFORÇAR OS LAÇOS

Essa associação pretende “reforçar os laços de fraternidade entre os

membros de religiões diferentes, aprofundando um trabalho de pesquisa. Na realidade, durante o seu período de estudo, vocês demonstram a possibilidade de viver um pluralismo saudável, que respeita as diferenças e os valores que cada um leva consigo”. “Vocês testemunham também, num espírito de abertura, a capacidade das religiões de participar do debate público numa sociedade secularizada. Além disso, manifestam, através dos laços fraternos estabelecidos entre vocês, que o diálogo entre os fiéis de várias religiões é uma condição necessária para a paz no mundo.” O Papa os encorajou a perseverar neste caminho, conjugando “três atitudes fundamentais para favorecer o diálogo: o dever da identidade, a coragem

ções. Fazendo isso, irão contribuir, com os homens e mulheres de boa vontade, em transformar “todos os dias o ar poluído do ódio no oxigênio da fraternidade”. CULTURA DO ENCONTRO

w PAPA com os membros da delegação “Emouna Fraternite Alumni”

da alteridade e a sinceridade das intenções”. ABERTURA AOS OUTROS

“A fraternidade verdadeira pode ser vivida na atitude de abertura aos outros, que nunca procura um sincretismo conciliador, pelo contrário, busca se enriquecer

sinceramente com as diferenças, com a vontade de entendê-las a fim de respeitá-las melhor, pois o bem de cada um se encontra no bem de todos.” Francisco convidou os membros da associação a “testemunhar com a qualidade de suas relações que ‘a religião não é um problema, mas parte

da solução’. Ela nos recorda que é necessário voltar o ânimo para o Alto a fim de aprender a construir uma cidade de seres humanos’.” “Assim, vocês se apoiarão reciprocamente para serem como árvores bem plantadas, enraizadas no terreno da história e de suas respectivas tradi-

“Encorajo-os a cultivar uma cultura do encontro e diálogo, promover a paz e defender, com doçura e respeito, a sacralidade da vida humana contra todas as formas de violência física, social, educacional ou psicológica.” Convidando-os a rezar uns pelos outros, o Papa concluiu, pedindo a Deus o dom da paz a todos os membros da associação e para que o Senhor os ajude a caminhar “como irmãos na estrada do encontro, do diálogo e da concórdia, no espírito de colaboração e amizade.”

Consistório para a criação de novos cardeais

T A

orturar pessoas é um pecado mortal! As comunidades cristãs se comprometem a apoiar as vítimas da tortura. (26 de junho) fé em Jesus Cristo nos liberta do pecado, da tristeza, do vazio interior, do isolamento, e é a fonte de uma alegria que ninguém pode tirar de nós. (25 de junho)

O Papa Francisco presidiu na quinta-feira, 28 de junho, o Consistório Ordinário Público para a criação de novos cardeais, imposição do barrete, entrega do anel e atribuição do título ou diaconato. Na sexta-feira, 29, na Praça de São Pedro, o Papa abençoará os pálios sagrados, destinados aos

novos arcebispos metropolitanos, e celebrará a Eucaristia da Solenidade dos Santos Apóstolos Pedro e Paulo. O quinto consistório para a criação de cardeais no atual pontificado vai trazer para o grupo dos mais diretos conselheiros do Papa responsáveis de nove países, alguns dos quais sem

representação no Colégio Cardinalício até ao momento, como Madagáscar ou Japão. Outro dos eleitos é o esmoler pontifício, Dom Konrad Krajewski, o braço direito do Papa para as suas obras de caridade. Aos 54 anos, D. Konrad Krajewski vai ser o segundo elemento mais jovem do Colégio Cardinalício.


6

Igreja no Mundo

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

1º Caderno

Bíblia latina mais antiga do mundo A peça foi elaborada na Inglaterra e enviada a Roma como um presente do Papa há 1300 anos

C

om informações agência Gaudium Press. Por ocasião do histórico retorno do ‘Codex Amiatinus’, a mais antiga Bíblia em latim, à Inglaterra, a Biblioteca Britânica está preparando uma exposição com a cópia desse importante manuscrito. A peça foi elaborada na Inglaterra e enviada a Roma como um presente do Papa há 1300 anos. A Biblioteca Britânica descreveu a viagem realizada pelo Abade Ceolfrith em sua peregrinação final até Roma portando o notável tesouro.

O ‘Codex Amiatinus’ é uma das três cópias das Sagradas Escrituras realizadas pelo Mosteiro de Wearmouth e Jarrow, um dos mais importantes centros intelectuais da Europa. As outras duas cópias foram enviadas para os mosteiros locais. De acordo com relatos da época, o Abade saiu de seu mosteiro no dia 04 de junho, chegando a um mosteiro no qual se identificou com o atual Yorkside a partir de onde embarcou para o continente através do rio Humber no dia 04 de

FOTOS: DIVULGAÇÃO

w ‘CODEX AMIATINUS’ é uma das três cópias das Sagradas Escrituras

julho. A travessia através do rio e do mar chegaria ao seu final no dia 12 de

agosto, quando o Abade chegou a terras francesas. O religioso avançou

através da França para chegar no dia 25 de setembro à cidade de Lan-

gres onde, gravemente enfermo, faleceu no dia 29 de setembro sem ter visto o final da travessia até Roma. Um grupo de monges continuou a viagem e levou ao Pontífice a cópia da Sagrada Bíblia, que entregou aos religiosos uma carta agradecendo o presente. O ‘Codex Amiatinus’ é conservado atualmente na Biblioteca Laurenciana de Florença, Itália, que emprestou à Biblioteca Britânica para a exibição que ocorrerá entre os dias 19 de outubro de 2018 a 19 de fevereiro de 2019.

Carta de Cristóvão Colombo é restituída ao Vaticano Com informações agência Gaudium Press. Em uma cerimônia solene realizada em 14 de junho foi restituído ao Vaticano uma cópia original de uma carta escrita por Cristóvão Colombo quando retornou de sua primeira viagem à América. Participaram do ato a Embaixadora dos Estados Unidos diante da Santa Sé, Callista Gingrich; o Bibliotecário do Vaticano, Dom JeanLouis Brugués; e o Pre-

feito da Biblioteca, Dom Cesare Pasini. O texto original passou por várias mãos até chegar a uma família de Atlanta, que decidiu devolvê-lo à Santa Sé. Agora, a cópia original substituirá a cópia falsa mantida no Vaticano desde o ano de 1921, após várias transformações e depois de ter passado na Áustria por 40 anos, no entanto, ninguém duvidava que ela não era a original. Na carta, endereçada

aos reis católicos, Colombo conta seus descobrimentos e pede ajuda financeira para suas via-

gens seguintes. Escrita em espanhol, a carta foi traduzida para o latim e italiano. O Vaticano rece-

beu a cópia da carta em 1921, como parte da Coleção De Rossi. Em 2011, um especialista em livros raros e manuscritos indicou ao Departamento de Segurança dos Estados Unidos que o manuscrito poderia ser falso. Então se iniciou uma investigação para descobrir onde estava a cópia original. O documento foi encontrado com Robert Parsons, que, sem saber que era um produto roubado, comprou de

um vendedor de livros raros em 2004. Em 2013 um especialista analisou a carta e concluiu que era uma cópia original. Em 2016 outro especialista explicou que a cópia original havia sido vendida por Massimo De Caro, famoso ladrão italiano. Assim que o Sr. Parsons faleceu, a viúva revisou as provas que demonstravam que a carta havia sido roubada e por este motivo resolveu restituí-la ao Vaticano.

Igreja no Brasil

Dioceses do Brasil recebem material C

om informações agência Gaudium Press. As Pontifícias Obras Missionárias (POM) celebram em 2018 seus 40 anos de presença no mundo promovendo a Campanha Missionária 2018. Inspirada no tema “Enviados para testemunhar o Evangelho da paz”, o intuito do mês missionário é sensibilizar e despertar vocações missionárias, além de realizar a Coleta no Dia Mundial das Missões, no penúltimo domingo de

Zapcode. Para utilizá-lo, basta baixar gratuitamente o Aplicativo Zappar no Smartphone (celular e tablet). Depois, ao direcionar o aparelho para a peça, é possível assistir a um vídeo e acessar os conteúdos da ação. Por sua vez, o livrinho da Novena Missionária contém o roteiro de nove

outubro (entre os dias 20 e 21). Desde o início de seu pontificado, o Papa Francisco tem convi-

dado os fiéis a agir sem medo e rigidez, com coragem e igualmente “dóceis” ao Espírito, para além das estrutu-

ras que nos asfixiam. MATERIAL

Pelo segundo ano, o cartaz e outros materiais da Campanha trazem o

Salvador acolhe evento mundial do Movimento Focolares Com informações agência Gaudium Press. O Colégio Salesiano Dom Bosco, em Salvador, acolhe entre 29 de junho e 2 de julho mais uma edição do evento “Mariápolis”, promovido pelo Movimento Focolares. O tema escolhido

para este ano é “Quero revê-la em ti: um chamado a reviver Maria”. Com uma programação extensa, o “Mariápolis” contará com momentos de reflexão e convivência, além de depoimentos e recreações. Este encontro

é considerado o mais característico do Movimento dos Focolares, que se realiza anualmente em numerosos países do mundo. O intuito é oferecer aos participantes uma experiência de comunidade renovada pelo ide-

al da unidade, a partir de valores como o amor fraterno, a paz e a solidariedade. Conforme os organizadores, após o “Mariápolis”, as pessoas sentem-se impulsionadas a colaborar com a construção de uma nova sociedade.

encontros, com cânticos e orações. Também está incluída a Mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial das Missões e vem acompanhada de um DVD. Destacam-se ainda testemunhos de missionários que vivem e anunciam a alegria do Evangelho em diversos contextos.


1º Caderno

Igreja

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

7

Finalistas ao Prêmio da CNBB

Rádio e TV Aparecida são finalistas em várias categorias no Prêmio de Comunicação da CNBB

C

om informações Portal A12. Programas da Rádio e TV Aparecida são finalistas do 51º Prêmio de Comunicação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). A Rádio Aparecida concorre ao “Microfone de Prata” pela produção “Um Conto de Natal”, exibida no fim de 2017. O programa trouxe como seria a história

do nascimento de Jesus nos dias de hoje, sob o ponto de vista de Nossa Senhora. Na premiação da CNBB, a categoria “Microfone de Prata” é destinada aos programas radiofônicos que levam o ar por produções de qualidade com temáticas, não apenas como religião, mas que valorizem a vida humana. A outra finalista, a

TV Aparecida disputa com duas produções: o documentário “Negro no Brasil”, realizado em 2017 pela equipe de jornalismo da Rede Aparecida de Comunicação, e a coprodução “A imagem da Tolerância”. “Negro no Brasil” concorre na categoria “Clara de Assis” e tem a intenção de retratar a realidade das comunidades quilombolas rema-

nescentes, visitadas pelos repórteres da Rádio e TV Aparecida, Jornal Santuário e Portal A12. O Prêmio de Comunicação da CNB abrange cinco categorias: “Margarida de Prata” (Cinema), “Microfone de Prata” (Rádio), “Clara de Assis” (TV), “Hélder Câmara” (Imprensa) e “Dom Luciano Mendes de Almeida” (Internet).

Mundo juvenil e a fé cristã Dom Antônio de Assis Ribeiro - Bispo Auxiliar de Belém (domantoniodeassis@arqbelem.org) INTRODUÇÃO

N

o N o v o Te s t a mento continua a necessidade do crescimento em todas as dimensões e a fonte central da qual brota o dinamismo desse crescimento é o batismo. E esse dinamismo do crescimento é animado pelo Espírito Santo. O lugar onde isso acontece é a Igreja e a sociedade (cf. Rm 12,12); a meta é a promoção do Reino de Deus (cf. Rm14,17-18). Continua, portanto, a necessidade da experiência de Deus que injeta no discípulo de Jesus uma consciência nova da existência da sua vida, na Igreja e na cultura social, testemunhando o compromisso de ser “Sal da Terra” e “Luz do mundo”. O discípulo de Jesus, desde o dia do seu batismo, é chamado a percorrer um processo de crescimento na fé, na esperança e no amor que lhe compromete toda a vida rumo à plenitude, a glória celeste. O critério do saudável crescimento do discípulo de Jesus está na sua capacidade de traduzir sua fé em virtudes e atitudes (obras), como testemunho de vida e missionariedade.

1

O crescimento de Jesus e João Batista Para Deus Pai enviar seu Filho ao mundo, esperou a história chegar à sua maturidade necessária. Também a história, com suas comunidades, instituições e culturas, cresce e amadurece! Assim nos diz São Paulo: “Quando, porém, chegou a plenitude dos tempos, Deus enviou o seu Filho” (Gl 4,4). A “plenitude dos tempos” foi o momento oportuno do desenvolvimento da consciência humana capaz de acolher o Filho de Deus por parte daqueles que sentiam-se necessitados da

Fundamento bíblico do processo de crescimento no Novo Testamento (parte 8) Salvação. Ele foi acolhido por uns e, ao mesmo tempo, rejeitado por outros (cf. Jo 1,10-13). Assumindo a natureza humana, Deus Filho abraçou o dinamismo da nossa natureza: “o menino crescia e ficava forte, cheio de sabedoria. E a graça de Deus estava com ele” (Lc 2,40). Profundamente inserido no seio de sua família, na cultura de Nazaré e na dimensão religiosa, Jesus “crescia em sabedoria, em estatura e graça, diante de Deus e dos homens” (Lc2,52). Tudo é processual, dinâmico e pluridimensional. Trata-se de um crescimento pleno, integral, harmonioso, sereno, gradual em todas as dimensões. Jesus crescia...! Esse dinamismo segue ocultamente até a sua manifestação pública no auge da sua maturidade humana e religiosa, no seu batismo! Após apresentar a grandeza da sua missão (cf. Lc 1,76-79), Lucas evangelista afirma também algo semelhante em relação a João Batista: ”o menino ia crescendo, e ficando forte de espírito” (Lc 1,80).

2

Jesus não nos quer discípulos estéreis Crescer, fortalecerse para ser fecundo e produzir bons frutos é uma exigência da natureza, por isso Jesus, certo dia, não gostou de uma “figueira estéril” e a amaldiçoou (cf.Mt 21,19-21). Também em suas parábolas Jesus foi muito claro em relação à necessidade de crescimento por parte dos seus discípulos; ele não quer discípulos acomodados e estéreis. Essa ideia se apresenta na parábola do semea-

dor (cf. Mt 13,1-23), nas parábolas do Reino de Deus (cf. Mt 13,24-52), na parábola dos talentos (cf. Mt 25,14-30), na parábola do Bom Pastor (cf. Jo 10,1-10), na videira e seus ramos (Jo 15,1-17). Em todas essas narrações aparecem a ideia de desenvolvimento, expansão, crescimento, fortalecimento, fecundidade, empreendedorismo. A semente da fé deve gerar o amor que transforma a vida e a faz profundamente significativa.

3

Quem recebe o batismo, cresce e amadurece São Paulo menciona o seu crescimento dizendo: “Quando eu era criança, falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança. Depois que me tornei adulto, deixei o que era próprio de criança” (1Cor 13,11). O apóstolo lamenta também a falta de crescimento dos fiéis dizendo: “não pude falar a vocês como a homens maduros na fé, mas apenas a uma gente fraca, como as crianças em Cristo. Dei leite para vocês beberem, não alimento sólido, pois vocês não o podiam suportar” (1Cor 3,1-2). Há uma “infância espiritual” a ser superada, porque é de caráter negativo; essa é a fase pagã da história paulina, marcada pela ignorância, impulsividade e vulnerabilidade quando ainda não tinha conhecimento da pessoa de Jesus Cristo. A Palavra de Deus é a vitamina do crescimento espiritual, que forma o adulto na fé (cf. 1Pd 2,23; 2Tm 3,15-17). O batismo é um compromisso decisivo que marca o início de transformação, um processo

de libertação. É assim que fala aos Gálatas: “No passado, quando vocês não conheciam a Deus, eram escravos de deuses, que na realidade não são deuses. Agora, porém, vocês conhecem a Deus, ou melhor, agora Deus conhece vocês. Então, como é que vocês querem voltar de novo àqueles elementos fracos e sem valor?” (cf. Gl 4,3-9). Aos Colossenses exorta os cristãos a levar uma vida digna do Senhor, para lhe serem agradáveis em tudo. Na vida nova, é preciso produzir bons frutos, ter boas obras e crescer no conhecimento de Deus... Somente assim é possível perseverar no bem com firmeza, paciência, constância, santidade (cf. Cl 1,9-14).

4

O crescimento espiritual gera virtudes São Pedro estimula seus fiéis a se fortalecerem nas virtudes: “façam esforço para pôr mais virtude na fé, mais conhecimento na virtude, mais autodomínio no conhecimento, mais perseverança no autodomínio, mais piedade na perseverança, mais fraternidade na piedade e mais amor na fraternidade” (2P 1,5-9). O amadurecimento na fé capacita o fiel para não ser enganado: “queridos irmãos, tomem cuidado para que esses ímpios não os enganem, arrastando-os para que vocês percam a firmeza e caiam. Cresçam na graça e no conhecimento de Jesus Cristo, nosso Senhor e Salvador” (2Pd 3,17-18). Com muita firmeza São Paulo alertava também a comunidade de

Roma: “tomem cuidado com aqueles que provocam divisões e obstáculos contra a doutrina que vocês aprenderam. Fiquem longe deles, porque não servem a Cristo nosso Senhor, mas ao próprio estômago; com palavras doces e bajuladoras, eles enganam o coração das pessoas simples” (Rm 16,17-18). E assim em tantas outras passagens os apóstolos manifestavam as mesmas preocupações profundamente atuais para os nossos dias (cf. 1Cor 3,10-11; 2Cor 11,3-6;13-15; Fl 3,23;18-19; Ef 4,13-16; 2Pd 2,1-3). Infelizmente, o charlatanismo religioso e o proselitismo, tão lamentados pelo Papa Francisco, são manifestações de imaturidade cristã e por isso agridem a liberdade religiosa.

5

Crescer na paixão missionária Escrevendo aos fiéis de Corinto, São Paulo os anima a progredir na fé para poderem crescer sempre mais, desse modo que possam promover a evangelização, indo além das fronteiras (cf. 2Cor 10,15-17). Ser discípulo é estar disponível para a pregação do Evangelho com ousadia (cf. Ef 3,3-16; 6,19). São Paulo nunca separa o ser discípulo de Jesus Cristo do compromisso missionário, por isso nos deixou este testemunho: “Anunciar o Evangelho não é título de glória para mim; pelo contrário, é uma necessidade que me foi imposta. Ai de mim se eu não anunciar o Evangelho!” (1Cor 9,16). Escrevendo a Timóteo, seu colaborador, o estimula dizendo: “proclame a Palavra, insista

no tempo oportuno e inoportuno, advertindo, reprovando e aconselhando com toda paciência e doutrina. Pois vai chegar o tempo em que não se suportará mais a doutrina” (2Tm 4,2-3).

6

A meta do crescimento espiritual A meta do crescimento é a perfeição, a santidade, a unidade da fé, o pleno conhecimento e comunhão com o Filho de Deus, até atingirmos o estado de homem feito, a estatura da maturidade de Cristo (cf. Ef 4,13). Perseverando na fé e no amor somos robustecidos pelo seu Espírito em vista do crescimento do vosso homem interior (cf. Ef 3,16). Também São Tiago expressa a mesma convicção: “é preciso que a perseverança complete a sua obra em vocês, para que sejam homens completos e autênticos, sem nenhuma deficiência” (Tg 1,4). Saudando os fiéis de Tessalônica o apóstolo dirige-lhes esta prece: “Que o Senhor os faça crescer e aumentar no amor mútuo e para com todos, assim como é o nosso amor para com vocês, a fim de que o coração de vocês permaneça firme e irrepreensível na santidade diante de Deus, nosso Pai, por ocasião da vinda de nosso Senhor Jesus com todos os seus santos” (1Tss 3,12-13).

REFLEXÃO: . Qual é a fonte da qual brota a necessidade do crescimento para o cristão? . Como se expressa ou manifesta o amadurecimento do discípulo de Jesus Cristo? . Qual é meta do crescimento espiritual do discípulo de Jesus Cristo?

1 2 3


8

Nazaré Repórter FOTOS: DIVULGAÇÃO

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

J ORDENAÇÃO É com alegria que a Arquidiocese de Belém comunica ao povo de Deus que a Igreja de Belém do Pará vai acolher no dia 6 de julho, sexta-feira, três novos sacerdotes. Pela imposição das mãos do Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, os diáconos

Paulo João, Carlos José e Gabriel Paes receberão a Ordenação Presbiteral durante Santa Missa na Catedral Metropolitana de Belém, às 19h. Prestigie esse momento de missão e evangelização. A Catedral de Belém está situada na praça Frei Caetano Brandão, s/nº, no bairro da Cidade Velha.

1º Caderno

RÁDIO NAZARÉ

Z MH 3 . 91 FM

l REVISÃO ENEM 2018 O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2018 já tem data para acontecer. Este ano as provas serão realizadas em dois domingos (4 e 11 de novembro) e pensando nisso, a Rádio Nazaré FM apresentará ao longo do mês de julho no programa “Educação e cidadania”, uma série de entrevistas com dicas sobre as áreas de linguagens, códigos, ciências humanas e ciências da natureza,

matemática e redação. A intenção do “Especial Enem 2018” é que, através dessas dicas, os ouvintes possam se antecipar e preparar seu roteiro de estudos. Sintonize 91,3 MHz a partir de 16h. O ouvinte pode interagir durante a programação ligando para a central de atendimento, no número 4006-9211 ou ainda pelas redes sociais twitter.com/radionazare e pelo facebook.com/ radionazare. Participe!

RÁDIO NAZARÉ FM - 91,3. A SERVIÇO DA VIDA. NOSSA MISSÃO É EVANGELIZAR!

J JUBILEU DO PADRE BRUNO SECHI O jubileu de vida sacerdotal do padre Bruno Sechi será celebrado nesta sexta-feira, 29, às 19h, com Missa em Ação de Graças na Paróquia João Paulo II, no bairro Souza. Ali a comunidade celebrará diante de Deus os 50 anos de vida sacerdotal do seu atual pároco. Os paroquianos convidam o povo de Deus a participar da homenagem ao padre italiano que na Arquidiocese de Belém dedica-se especialmente à causa dos mais necessitados, especialmente

no que se refere ao direito de crianças e adolescentes, atuou com significativa missão na Paróquia Santa Maria Goretti, no Guamá, e notabilizou-se à frente do Movimento República de Emaús, em Belém. A Arquidiocese de Belém e a Fundação Nazaré de Comunicação, onde padre Bruno apresenta o programa “Pensando bem” na TV Nazaré, expressam ao sacerdote os “parabéns” e rogam a Deus que continue derramando bênçãos sobre a sua vida e a sua missão.

REDE NAZARÉ DE J EXPEDIENTE DA CÚRIA EM JULHO A Arquidiocese de Belém comunica à comunidade que o expediente da Cúria Metropolitana sofrerá alterações em julho com

Acompanhe pela Rede Nazaré de Televisão, canal 30.1 – ou na sintonia de sua cidade – a transmissão ao vivo da Adoração ao Santíssimo Sacramento

J ARRAIÁ DO AMOR A Comunidade Católica Kerygma convida você e sua família para o “Arraiá do Amor”. Haverá vendas de comidas típicas, brincadeiras, prêmios e muita alegria. Será realizado nesta sextafeira, 29 de junho, a

A Paróquia Santa Cruz convida para a festa junina nesta sexta-feira, 29 de junho, no salão paroquial, a partir das 19h30. O

A Comunidade Sagrada Família convida o povo de Deus para a Adoração ao Santíssimo Sacramento que será realizada nesta sexta-feira, 29, às 19h. A

partir das 17h na casa de missão situada na avenida Alcindo Cacela (ao lado da Paróquia São Judas Tadeu, na Condor). A venda de ingressos é na própria comunidade. Mais informações: (91) 981561222.

arraial terá venda de comidas típicas. A paróquia fica na avenida Almirante Barroso, 1743, bairro do Marco, em Belém.

J MAÍRA NA ROÇA pregação será conduzida pelo Diácono Ventura. Participe! A igreja fica na rua Domingos Marreiros, 938, entre a travessa 14 de Março e avenida Alcindo Cacela.

30

l ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO, AO VIVO NA TV NAZARÉ

J ARRAIÁ DA SANTA CRUZ

J ADORAÇÃO

AL CAN

o expediente das 8h às 13h. A partir de 1° de agosto o expediente retornará ao normal (das 8h às 12h e das 14h às 17h30).

J ENCONTRO DE JOVENS DAS ILHAS A comunidade do Itacoã Mirim, no Acará, será anfitriã da juventude de 14 ilhas sob a ação missionária da Pastoral das Ilhas da Arquidiocese de Belém no próximo domingo, 1º de julho. Às 9h, a Comunidade Nossa Senhora de Montserrat, acolherá todos para o Encontro de Jovens com o Bispo Auxiliar Dom Irineu Roman. Entre a igreja e o centro comunitário da ilha, a juventude terá uma manhã de reflexões e leitura orante da Bíblia coordenada pelo Bispo e a culminância da reunião juvenil será a Santa Missa.

TELEVISÃO

A Comunidade Maíra promoverá domingo, 1º de julho, o arraiá “Maíra na Roça”. O evento será realizado em um centro educacional Olimpus, situado na avenida Alcindo

Cacela, 675, bairro do Umarizal em Belém, a partir das 10h. Haverá muitas atrações, bingo, brincadeiras e venda de iguarias juninas. Mais informações: (91) 3266-8624.

PORTAL NAZARÉ

na TV Nazaré, toda quinta-feira das 15h às 18h. Participe enviando mensagens, pedidos de orações, via whatsapp, pelo número (91) 99315-5743. W. WW RE. AZA ON M.BR A C CO DA FUN

l “SEJA UM EVANGELIZADOR, SEJA FAMÍLIA NAZARÉ!” A campanha “Seja mais um” continua e o Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, tem uma mensagem especial pra você: “Desejamos dar voos mais altos e maiores. Como chegar a esses pontos mais altos? Como dar esses passos que todos nós sonhamos com eles? É simples,

basta que você seja mais um conosco. Todos nós podemos colaborar. Se nós vestirmos essa camisa com toda certeza daremos nossa contribuição.” Ligue para (91) 4006-9211 ou acesse sejamaisum. com e junte-se a nós na evangelização. Esperamos por você!


1º Caderno

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Fundação Nazaré

Escute na Rádio Nazaré FM 91.3 SEXTA – FEIRA 05h00 - ABERTURA DA EMISSORA 05h00 – Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 – Regina Coeli - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço - Mistérios Dolorosos 06h00 – A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Prestando Contas – Governo do Estado 07h00 – Jornal Brasil Hoje 07h35 – Novo tempo 08h00 – Igreja ponto a ponto 08h55 - Plantão R C R 09h00 - Nazaré em revista 09h30 - Informe Noticias 09h55 - Plantão RCR 10h30 - Informe Notícia 11h55 - Momento de Oração – Regina Coeli, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 – Segurança e Cidadania 14h30 - Informe Noticias 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticias 16h00 – Varanda Musical 15h55 - Plantão R C R 17h45 - Regina Coeli – Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 – A Voz do Pastor 18h15 – Oração do Terço – Mistérios Dolorosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Saudade em Versos e Canções 22h00 - A voz do pastor 22h30 – Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - Mensagem de Encerramento 00h00 - Rede Milícia Sat – Igreja no Rádio SÁBADO 05h00 - ABERTURA DA EMISSORA 05h00 – Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 – Regina Coeli - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço – Mistérios da Alegria 06h00 – A Voz do Pastor 07h00 – Jornal Brasil Hoje 07h30 – Musical Mensagem 08h00 - Conhecendo Jesus 10h00 - Maria de Todos os Povos 11h55 - Momento de Oração – Regina Coeli, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor

12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 – Musical Nazaré 14h30 – Terço da Misericórdia 15h00 - Criança Evangelizando Criança 16h00 - Evangelizando Através do Dizimo 17h00 – A vida e o tempo 18h00 – A Voz do Pastor 18h15 - Regina Coeli - Liturgia das Horas - Vésperas 18h15 - Oração do Terço – Mistérios da Alegria 18h30 - Musical Mariano 19h00 - Musical Nazaré 22h00 - A voz do Pastor 22h15 - Domínio jovem 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat DOMINGO 05h00 - ABERTURA DA EMISSORA 05h00 – Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 – Regina Coeli - Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço – Mistérios Gloriosos 06h00 – A Voz do Pastor 07h00 - SANTA MISSA 08h00 - Vem e Segue-me 10h00 - Domingo Alegre 11h55 - Momento de Oração Regina Coeli, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 – Universo Acadêmico 15h00 – Terço da Misericórdia 18h00 – A Voz do Pastor 18h15 - Regina Coeli - Liturgia das Horas - Vésperas 18h30 - Oração do Terço – Mistérios Gloriosos 19h00 - Clássico Nazaré 20h00 - Circuito M P B 22h00 - A voz do Pastor 22h15 - Especial PE. Zezinho 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat – Igreja no Rádio SEGUNDA - FEIRA 05h00 - ABERTURA DA EMISSORA 05h00 – Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h15 - Regina Coeli, Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço – Mistérios da Alegria 06h00 – A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Prestando Contas – Governo do Estado 07h00 – Jornal Brasil Hoje

9

Ligue: (91) 4006-9251 07h35 – Novo tempo 08h00 – Igreja ponto a ponto 08h55 - Plantão R C R 09h30 - Informe Notícia 09h00 - Nazaré em revista 09h55 - Plantão RCR 10h30 - Informe Notícia 11h50 - Momento de Oração - Regina Coeli, Pai - nosso 12h00 - A voz do Pastor 12h20 - Cardápio Instrumental 14h00 – Varanda Musical 14h30 - Informe Notícia 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Notícia 15h55 - Plantão R C R 16h00 – Saúde e Cidadania 16h30 - Informe Notícia 17h30 - Informe Notícia 17h45 – Regina Coeli - Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço – Mistérios da Alegria 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Crescendo na Fé 21h00 - Orando com Você – Com. Maíra 22h00 - A voz do pastor 22h30 – Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat – Igreja no Rádio TERÇA - FEIRA 05h00 - ABERTURA DA EMISSORA 05h00 – Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h15 - Regina Coeli, Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço – Mistérios Dolorosos 06h00 – A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Prestando Contas – Governo do Estado 07h00 – Jornal Brasil Hoje 07h35 – Novo tempo 08h00 – Igreja ponto a ponto 08h55 - Plantão R C R 09h00 - Nazaré em revista 09h55 - Plantão RCR 10h30 - Informe Notícia 11h55 - Momento de Oração - Regina Coeli, Pai - nosso 12h00 - A voz do Pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 14h00 – Varanda Musical 14h30 - Informe Notícia

15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Notícia 15h55 - Plantão R C R 16h00 – Direito e cidadania 16h30 - Informe Notícia 17h25 - Informe Notícia 17h30 – Regina Coeli - Liturgia das Horas - Vésperas 17h45 - Voz do Pastor 18h00 - Novena Nossa Senhora Perpétuo Socorro 18h30 – Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 - Família em Ação 22h00 - A voz do pastor 22h30 – Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat – Igreja no Rádio QUARTA - FEIRA 05h00 - ABERTURA DA EMISSORA 05h00 – Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h15 - Regina Coeli, Liturgia das horas - Láudes 05h30 - Oração do Terço – Mistérios Gloriosos 06h00 – A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Prestando Contas – Governo do Estado 07h00 – Jornal Brasil Hoje 07h35 – Novo tempo 08h00 – Igreja ponto a ponto 08h55 - Plantão R C R 09h00 - Nazaré em revista 09h55 - Plantão RCR 10h30 - Informe Notícia 11h55 - Momento de Oração – Regina Coeli, Pai - nosso 12h00 - A voz do Pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 13h30 - Informe Notícia 14h00 – Varanda Musical 14h30 - Informe Notícia 15h00 - Terço da Misericórdia 15h30 - Informe Noticia 15h55 - Plantão RCR 16h00 - Educação e Cidadania 16h30 - Informe Notícia 17h30 - Informe Notícia 17h45 – Regina Coeli - Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Oração do Terço – Mistérios Gloriosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 – Musical Mensagem

21h00 - Orando com Você – Com. Mar adentro. 22h00 - A voz do pastor 22h30 – Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat – Igreja no Rádio QUINTA - FEIRA 05h00 - ABERTURA DA EMISSORA 05h00 – Lírio Mimoso 05h05 - Cura-me Senhor 05h10 – Regina Coeli - Liturgia das horas - Láudes 05h30 – Oração do terço – Mistérios Luminosos 06h00 - A Voz do Pastor 06h15 - Forrozinho da fé 07h00 - Prestando Contas – Governo do Estado 07h00 – Jornal Brasil Hoje 07h35 – Novo tempo 08h00 – Igreja ponto a ponto 08h55 - Plantão RCR 09h00 - Nazaré em revista 09h55 - Plantão RCR 10h30 - Informe Notícia 11h55 - Momento de Oração - Regina Coeli, Pai - nosso 12h00 - A voz do pastor 12h15 - Cardápio Instrumental 13h30 - Informe Notícia 14h00 - Entre nós 14h30 - Informe Notícia 15h00 - Terço da Misericórdia 15h15 – Musical Nazaré 15h30 - Informe Notícia 15h55 - Plantão R C R 16h00 - Varanda Musical 16h30 - Informe Notícia 17h30 - Informe Notícia 17h45 - Regina Coeli - Liturgia das Horas - Vésperas 18h00 - A Voz do Pastor 18h15 - Oração do terço - Mistérios Luminosos 18h40 - Musical Mariano 19h00 - Voz do Brasil 20h00 – Musical Mensagem 21h00 - Orando com Você 22h00 - A voz do Pastor 22h30 – Jornal RNA 23h00 - Programa Salmos ao Deus da Vida 23h50 - MENSAGEM DE ENCERRAMENTO 00h00 - Rede Milícia Sat – Igreja no Rádio

Assista na TV Nazaré - Canal 30 SEXTA-FEIRA 00:00 Fraternidade em Ação 00:10 Adoração Ao Santíssimo 01:10 Terra Santa News 01:30 Mãe Maria 01:40 Comunidade Viva 02:00 Igreja que Sofre 02:30 Caminhando Na Fé 02:45 Mãe Maria 02:55 Palavra de Vida Eterna 03:00 EvangelizaShow 04:00 Diálogo Aberto 05:00 TeleCurso - Ensino Médio 05:30 TeleCurso - Ensino Médio Espanhol 05:45 Palavra de Vida Eterna 05:50 Mãe Maria 06:00 Terço Doloroso 06:25 Palavra de Vida Eterna 06:30 Caminhando Na Fé 06:45 Em Família 06:55 Preparando a Festa 07:00 Santa Missa Mantinal 08:00 Palavra de Vida Eterna 08:05 Mulher.com 10:15 Fraternidade em Ação 10:25 Palavra de Vida Eterna 10:30 Caminhando Na Fé 10:45 Mãe Maria 10:55 Meu Pensamento 11:00 Desenho 12:00 Nazaré Notícias 12:45 Novena de Nossa Senhora do Nó 12:55 Palavra de Vida Eterna 13:00 Fazendo Esperança 13:30 Caminhando Na Fé 13:45 Sal da Terra 14:00 Igreja que Sofre 14:30 Fraternidade em Ação 14:40 Em Família 14:50 Palavra de Vida Eterna 14:55 Meu Pensamento 15:00 De Mãos Dadas 16:00 TeleCurso - Ensino Médio 16:30 Fazendo Esperança 17:00 Palavra de Vida Eterna 17:05 Caminhando Na Fé 17:20 Fraternidade em Ação 17:30 Terço Doloroso 17:55 Preparando a Festa 18:00 Santa Missa Vespertina 19:00 Nazaré Notícias 19:45 Caminhando Na Fé 20:00 EvangelizaShow 21:00 Espaço Cultural 22:30 Terra Santa News 22:50 Novena de Nossa Senhora do Nó 23:00 Palavra de Vida Eterna 23:05 Caminhando Na Fé 23:20 Fraternidade em Ação 23:30 Terço Doloroso 23:55 Meu Pensamento SÁBADO 00:00 Música Mensagem 02:00 Fiacolata 03:00 EvangelizaShow 04:00 Despertai Para o Amor 05:00 Telecurso Ensino Fundamental 06:00 Terço Gozoso 06:25 Conversa com Meu Povo 06:55 Palavra de Vida Eterna 07:00 Notícias Pastorais 07:45 Sal da Terra 08:00 Palavra de Vida Eterna 08:05 Comunidade Viva 08:25 Meu Pensamento 08:30 Conversa com Meu Povo 09:00 Missa no Rio de Janeiro-RJ

10:00 Pesca Amazônia 11:00 Sal da Terra 11:15 Mãe Maria 11:25 Meu Pensamento 11:30 Palavra de Vida Eterna 11:35 Igreja no Brasil 11:40 Terra Santa News 12:00 Notícias Pastorais 12:45 Meu Pensamento 12:50 Mãe Maria 13:00 Viagem pela Amazônia 13:30 Conversa com Meu Povo 14:00 Pensando Bem 15:00 Despertai Para o Amor 16:00 Sal da Terra 16:15 Conversa com Meu Povo 16:45 Notícias Pastorais 17:30 Terço Gozoso 17:55 Palavra de Vida Eterna 18:00 Música Mensagem 20:00 Conversa com Meu Povo 20:30 Cine Nostalgia 21:30 Fiacolata 22:30 Despertai Para o Amor 23:30 Terço Gozoso 23:55 Meu Pensamento DOMINGO 00:00 Música Mensagem 02:00 Despertai Para o Amor 03:00 Sal da Terra 03:15 Notícias Pastorais 04:00 Igreja que Sofre 04:30 EvangelizaShow 05:30 Palavra de Vida Eterna 05:35 Terra Santa News 05:55 Palavra de Vida Eterna 06:00 Terço Glorioso 06:30 Sal da Terra 06:45 Fraternidade em Ação 06:55 Meu Pensamento 07:00 Santa Missa Dominical 08:00 Notícias Pastorais 08:45 Desenho 09:30 Comunidade Viva 09:50 Meu Pensamento 09:55 Palavra de Vida Eterna 10:00 Diálogo Aberto 11:00 Pesca Amazônia 12:00 Notícias Pastorais 12:45 Ângelus 13:00 Encantos da Amazônia 14:00 Terra Santa News 14:20 Palavra de Vida Eterna 14:25 Meu Pensamento 14:30 Igreja que Sofre 15:00 Cine Nostalgia 16:00 Dedo de Prosa 17:00 Palavra de Vida Eterna 17:05 Sal da Terra 17:20 Mãe Maria 17:30 Terço Glorioso 17:55 Palavra de Vida Eterna 18:00 EvangelizaShow 19:00 Despertai Para o Amor 20:00 Espaço Cultural 21:30 Janela Aberta 22:30 Palavra de Vida Eterna 22:35 Questão de Fé 23:35 Terço Glorioso SEGUNDA-FEIRA 00:00 Fraternidade em Ação 00:10 De Mãos Dadas 01:10 Terra Santa News 01:30 EvangelizaShow 02:30 Caminhando Na Fé 02:45 Mãe Maria

02:55 Palavra de Vida Eterna 03:00 Encantos da Amazônia 04:00 Diálogo Aberto 05:00 TeleCurso - Ensino Médio 05:30 TeleCurso - Ensino Médio Espanhol 05:45 Palavra de Vida Eterna 05:50 Mãe Maria 06:00 Terço Gozoso 06:25 Palavra de Vida Eterna 06:30 Caminhando Na Fé 06:45 Em Família 06:55 Preparando a Festa 07:00 Santa Missa Mantinal 08:00 Palavra de Vida Eterna 08:05 Mulher.com 10:15 Fraternidade em Ação 10:25 Palavra de Vida Eterna 10:30 Caminhando Na Fé 10:45 Mãe Maria 10:55 Meu Pensamento 11:00 Desenho 12:00 Nazaré Notícias 12:45 Novena de Nossa Senhora do Nó 12:55 Palavra de Vida Eterna 13:00 Fazendo Esperança 13:30 Caminhando Na Fé 13:45 Mãe Maria 13:55 Palavra de Vida Eterna 14:00 Igreja que Sofre 14:30 Fraternidade em Ação 14:40 Em Família 14:50 Palavra de Vida Eterna 14:55 Meu Pensamento 15:00 De Mãos Dadas 16:00 TeleCurso - Ensino Médio 16:30 Fazendo Esperança 17:00 Palavra de Vida Eterna 17:05 Caminhando Na Fé 17:20 Fraternidade em Ação 17:30 Terço Gozoso 17:55 Preparando a Festa 18:00 Santa Missa Vespertina 19:00 Nazaré Notícias 19:45 Caminhando Na Fé 20:00 Janela Aberta 21:00 Cine Nostalgia 22:00 Nazaré Notícias 22:45 Novena de Nossa Senhora do Nó 22:55 Meu Pensamento 23:00 Caminhando Na Fé 23:15 Fraternidade em Ação 23:25 Palavra de Vida Eterna 23:30 Terço Gozoso 23:55 Meu Pensamento TERÇA-FEIRA 00:00 Igreja no Brasil 00:10 De Mãos Dadas 01:10 Conversa com Meu Povo 01:40 Palavra de Vida Eterna 01:45 Meu Pensamento 01:50 Mãe Maria 02:00 Igreja que Sofre 02:30 Conversa com Meu Povo 03:00 Religare 03:30 De Coração 04:00 Janela Aberta 05:00 Telecurso Ensino Médio 05:30 Telecurso Espanhol 05:45 Palavra de Vida Eterna 05:50 Em Família 06:00 Terço Doloroso 06:25 Conversa com Meu Povo 06:55 Preparando a Festa 07:00 Santa Missa Mantinal 08:00 Palavra de Vida Eterna 08:05 Mulher.com 10:15 Palavra de Vida Eterna

10:20 Mãe Maria 10:30 Conversa com Meu Povo 11:00 Desenho 12:00 Nazaré Notícias 12:45 Novena de Nossa Senhora do Nó 12:55 Palavra de Vida Eterna 13:00 Sal da Terra 13:15 Meu Pensamento 13:20 Mãe Maria 13:30 Conversa com Meu Povo 14:00 Desenho 15:00 Novena do Perpétuo Socorro 15:45 Sal da Terra 16:00 Telecurso Ensino Médio 16:30 Conversa com Meu Povo 17:00 Palavra de Vida Eterna 17:05 Comunidade Viva 17:25 Meu Pensamento 17:30 Terço Doloroso 17:55 Preparando a Festa 18:00 Santa Missa Vespertina 19:00 Nazaré Notícias 19:45 Sal da Terra 20:00 Conversa com Meu Povo 20:30 Terra Santa News 20:50 Em Família 21:00 Questão de Fé 22:00 Nazaré Notícias 22:45 Novena de Nossa Senhora do Nó 22:55 Meu Pensamento 23:00 Conversa com Meu Povo 23:30 Terço Doloroso 23:55 Meu Pensamento QUARTA-FEIRA 00:00 Fraternidade em Ação 00:10 De Mãos Dadas 01:10 Terra Santa News 01:30 Encantos da Amazônia 02:30 Caminhando Na Fé 02:45 Mãe Maria 02:55 Palavra de Vida Eterna 03:00 Novena do Perpétuo Socorro 03:45 Caminhando Na Fé 04:00 Questão de Fé 05:00 TeleCurso - Ensino Médio 05:30 TeleCurso - Ensino Médio Espanhol 05:45 Palavra de Vida Eterna 05:50 Mãe Maria 06:00 Terço Glorioso 06:25 Palavra de Vida Eterna 06:30 Caminhando Na Fé 06:45 Em Família 06:55 Preparando a Festa 07:00 Santa Missa Mantinal 08:00 Palavra de Vida Eterna 08:05 Mulher.com 10:15 Fraternidade em Ação 10:25 Palavra de Vida Eterna 10:30 Caminhando Na Fé 10:45 Mãe Maria 10:55 Meu Pensamento 11:00 Desenho 12:00 Nazaré Notícias 12:45 Novena de Nossa Senhora do Nó 12:55 Palavra de Vida Eterna 13:00 Fazendo Esperança 13:30 Caminhando Na Fé 13:45 Sal da Terra 14:00 Igreja que Sofre 14:30 Fraternidade em Ação 14:40 Em Família 14:50 Palavra de Vida Eterna 14:55 Meu Pensamento 15:00 De Mãos Dadas 16:00 TeleCurso - Ensino Médio

16:30 Fazendo Esperança 17:00 Palavra de Vida Eterna 17:05 Caminhando Na Fé 17:20 Fraternidade em Ação 17:30 Terço Glorioso 17:55 Preparando a Festa 18:00 Santa Missa Vespertina 19:00 Nazaré Notícias 19:45 Caminhando Na Fé 20:00 Pensando Bem 21:00 Encantos da Amazônia 22:00 Nazaré Notícias 22:45 Novena de Nossa Senhora do Nó 22:55 Meu Pensamento 23:00 Caminhando Na Fé 23:15 Fraternidade em Ação 23:25 Palavra de Vida Eterna 23:30 Terço Glorioso 23:55 Meu Pensamento QUINTA FEIRA 00:00 Igreja no Brasil 00:05 Palavra de Vida Eterna 00:10 De Mãos Dadas 01:10 Conversa com Meu Povo 01:40 Palavra de Vida Eterna 01:45 Meu Pensamento 01:50 Mãe Maria 02:00 Igreja que Sofre 02:30 Conversa com Meu Povo 03:00 Encantos da Amazônia 04:00 Pensando Bem 05:00 Telecurso Ensino Médio 05:30 Telecurso Espanhol 05:45 Palavra de Vida Eterna 05:50 Em Família 06:00 Terço Luminoso 06:25 Conversa com Meu Povo 06:55 Preparando a Festa 07:00 Santa Missa Mantinal 08:00 Palavra de Vida Eterna 08:05 Mulher.com 10:15 Palavra de Vida Eterna 10:20 Mãe Maria 10:30 Conversa com Meu Povo 11:00 Desenho 12:00 Nazaré Notícias 12:45 Novena de Nossa Senhora do Nó 12:55 Palavra de Vida Eterna 13:00 Sal da Terra 13:15 Meu Pensamento 13:20 Mãe Maria 13:30 Conversa com Meu Povo 14:00 Desenho 14:55 Meu Pensamento 15:00 Adoração Ao Santíssimo 16:00 Telecurso Ensino Médio 16:30 Conversa com Meu Povo 17:00 Palavra de Vida Eterna 17:05 Terra Santa News 17:25 Meu Pensamento 17:30 Terço Luminoso 17:55 Preparando a Festa 18:00 Santa Missa Vespertina 19:00 Nazaré Notícias 19:45 Sal da Terra 20:00 Conversa com Meu Povo 20:30 Comunidade Viva 20:50 Em Família 21:00 Diálogo Aberto 22:00 Nazaré Notícias 22:45 Novena de Nossa Senhora do Nó 22:55 Meu Pensamento 23:00 Conversa com Meu Povo 23:30 Terço Luminoso 23:55 Meu Pensamento


10

Santa Missa

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

1º Caderno

Horários de Missas nas paróquias da Arquidiocese de Belém REGIÃO EPISCOPAL SANT’ANA

(Basílica Santuário) Nazaré - Belém Sábado: 7h, 8h30,12h,17h Domingo: 6h30, 8h, 10h, 16h30, 18h e 20h Telefone: 4009-8400

Telefone: 3297-7250

N. Sra. das Mercês (Reitoria) Comércio - Belém Sábado: 12h e 17h, Domingo: 12h e 17h

São Francisco de Assis (Capuchinhos) São Brás - Belém Sábado: 19h30 Domingo: 6h, 7h30, 9h30,18h, 20h Telefone: 3073-1500

Nossa Senhora de Fátima Icoaraci - Belém Terça, quinta e sexta: 18h30 Sábado: 19h - Domingo: 19h Telefone: 3297-7251

N. Senhora Auxiliadora Anita Gerosa (Aurá) - Ananindeua Domingo: 7h e 18h Telefones: 3255-3828

Sant'Ana da Campina Comércio - Belém Sábado: 12h (Igreja Matriz) Domingo: 7h (Col. D. Bosco) 9h (Igreja Matriz) Telefone: 3230-3734

Santo Antônio do Tucunduba Guamá - Belém Sábado: 19h30 Domingo: 7h e 19h30 Telefone: 3274 -9001

Jesus Bom Samaritano Tapanã - Belém Domingo: 7h30 e 19h30 Telefone: 3033-2004

N. Senhora das Vitórias Almir Gabriel - Marituba Sábado: 19h Domingo: 7h, 19h Telefone: 3292-0013

Nossa Senhora da Graça (Catedral) Cidade Velha - Belém Sábado: 19h, Domingo: 7h, 9h e 19h Telefone: 2121-3723/ 2121-3724

São Judas Tadeu Condor - Belém Sábado: 19h. Domingo: 7h, 9h e 19h Telefone: 3115-6020 Santa Teresinha do Menino Jesus Jurunas - Belém Sábado: 6h e 18h30 Domingo: 6h30, 8h30 e 18h Telefone: 3272-2251 Santo Antônio de Lisboa Batista Campos - Belém Sábado: 6h30, 12h, 17h e 18h30 Domingo: 8h, 11h, 17h, 18h30 e 20h Telefone: 3215-7004/ 3222-0097 Santíssima Trindade Campina - Belém Sábado: 16h,Domingo: 7h, 10h, 11h30, 17h30 e 19h Telefone: 3215-7007/ 3242-4917 Nossa Senhora da Conceição Cidade Velha - Belém Sábado: 18h30, Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3215-7006 São José Umarizal - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 11h e 19h Telefone: 3230-1633 Santa Luzia Jurunas - Belém De terça a sexta-feira: 19h Sábado: 18h30 Domingo: 7h; 9h; 18h30 Telefone: 3271-2146 Nossa Senhora de Lourdes Nazaré - Belém Seg a Sáb: 6h30 e 18h Domingo: 7h, 9h, 17h30 e 19h30 Telefone: 3223-5728 Nossa Senhora do Carmo Cidade Velha Sábado: 18h - Domingo: 7h REGIÃO EPISCOPAL SANTA MARIA GORETTI Santa Maria de Belém Terra Firme - Belém Terça: 19h Sábado: 19h - Domingo: 7h30 e 19h Telefone: 3253-5422 São Pedro e São Paulo Guamá - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 18h30 Telefone: 3283-6021/3259-0413 São José de Queluz Canudos - Belém Segunda a sábado: 6h30 e 19h Domingo: 7h, 10h, 17h e 19h Telefone: 3226-2612 São Domingos de Gusmão Terra Firme - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 19h30 Telefone: 3253-2656/3274-4746 São Miguel Arcanjo Cremação - Belém Sábado: 18h30 Domingo: 7h30, 11h e 18h30 Telefone: 3283-6022 Nossa Senhora de Fátima Fátima - Belém Sábado: 17h30 Domingo: 6h45, 8h30, 17h30 e 19h30 Telefone: 3266-1392/3226-0503 Santa Maria Goretti Guamá - Belém Domingo: 9h30 e 18h Telefone: 3283-6023 Nossa Senhora de Nazaré

REGIÃO EPISCOPAL SANTA CRUZ Imaculada Conceição Castanheira - Belém Sábado: 17h. Domingo: 7h e 19h Telefone: 3277-4642/98111-8110 São Sebastião Sacramenta - Belém Sábado e domingo: 7h, 17h e 19h Telefone: 3264-9060/3254-7354 Jesus Ressuscitado Marambaia - Belém Sábado: 18h Domingo: 7h, 10h e 18h Telefone: 3277-4643 São Geraldo Magela Val de Cans - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h30, 10h30 e 18h Telefone: 3257-7950 N. Sra do Perpétuo Socorro Segunda a sábado: missa - 19h Domingo: missa: 7h, 8h30, 17h30 e 19 h - Telefone: 3233 1797 São Jorge Marambaia - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h, 17h e19h Telefone: 3277-4641 São Raimundo Nonato Umarizal - Belém Sábado: 6h30 e 18h Domingo: 6h30, 8h30 e 18h Telefone: 3277-4644 Santa Cruz Marco - Belém Sábado: 7h e 18h30 Domingo: 7h, 9h, 11h30 e 18h30 Telefone: 3277-4640/3276-0941 Nossa Senhora da Conceição Aparecida Pedreira - Belém Terça a Sábado: 18h Dom.: 7h, 9h e 18h/1ª Sexta-mês: 9h Telefone: 3233-4224/3276-9573 São Francisco Xavier Marco - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3352-8845 N. Senhora, Mãe da Divina Providência Val de Cans - Belém Sábado:19h - Domingo: 7h e 19h Telefone: 3257-2388 Sagrada Família Curió Utinga - Belém. Sábado: 7h e 19h30 Domingo: 7h, 9h e 19h30 São João Paulo II Souza - Belém De terça a sábado: 18h Domingos: 8h e 18h Telefone: 3277-4062 Nossa Senhora de Loreto Marco - Belém Telefone: (91) 3355-6302 Sábado: 17h Domingo: 7h, 9h, 11h, 17h e 19h São Benedito Rua São Benedito, Barreiro Terça a sexta-feira - 19h Sábado - 8h (missa com crianças) Domingos - 7h30 e 18h30 REGIÃO EPISCOPAL SÃO JOÃO BATISTA São João Batista e Nossa Senhora das Graças Icoaraci - Belém Terça a sexta: 6h30 Sábado: 6h30, 17h, 20h Domingo: 7h e 18h

São Francisco de Assis Tapanã - Belém Domingo: 7h e 18h30 Telefone: 3258-8036

São Francisco das Ilhas Cotijuba - Belém Terça e quinta: 19h30 Sábado: 19h30 Domingo: 7h e 19h30 Telefone: 3247-1438 Nossa Senhora da Imaculada Conceição Outeiro - Belém Terça e quinta: 19h; Sábado: 9h Domingo: 7h e 18h Telefone: 3267-1174 Nossa Senhora do Livramento Icoraci - Belém Terça, quinta, sexta e sábado:19h Domingo: 7h e18h Telefone: 3288-4250 Divina Misericórdia Águas Negras - Icoaraci Terça a sexta: 18h30 Sábado: 17h e 19h30 (comunidade) Domingo: 7h e 19h 30 Santo Afonso de Ligório Pratinha - Belém Sábado: 19h Domingo: 8h30 e19h Telefone: 3258-1554/3274-8281 São Francisco de Assis Campina - Icoaraci Domingo: 7h, 9h e 18h30 De terça-feira a sexta-feira: 19h Telefone: 3297-0765 REGIÃO EPISCOPAL CORAÇÃO EUCARÍSTICO DE JESUS Coração Eucarístico de Jesus Catalina - Belém Sábado: 18h Domingo: 7h, 10h e 18h Telefone: (91) 3285-1433 Santa Edwiges Mangueirão - Belém Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h30 e18h Telefone: 3279-1654 N. Senhora Rainha da Paz Bengui - Belém Domingo: 7h, 9h e 18h30 Telefone: 3277-4645 Nossa Senhora do Bom Remédio Conjunto Satélite - Belém Sábado: 17h30 Domingo: 7h e 18h30 Telefone: 3289-5355/3248-1136 Natividade de Nosso Senhor Jesus Cristo Conjunto Sideral - Belém Domingo: 7h, 9h e18h Telefone: 3067-2017 Santa Luzia do Bom Futuro Cabanagem - Belém Sábado: 17h - Domingo: 7h e 19h São José de Anchieta Alameda Ns-13, 65 - Coqueiro Sexta - 7h30 Domingo - 7h; 18h Santa Teresinha do Menino Jesus Tenoné - Belém Domingo: 7h e 18h Telefone: 3289-5368 Nossa Senhora de Lourdes Coqueiro - Ananindeua Sábado: 17h. Domingo: 7h e 19h Telefone: 3275-2391 Santo Antônio de Pádua Coqueiro - Ananindeua Sábado: 19h. Domingo: 7h e 18h Telefone: 98152-2200 Arcanjo São Miguel Una - Ananindeua

Sábado: 19h Domingo: 7h30. 9h30 e 19h Telefone: 3234-4674 REGIÃO EPISCOPAL MENINO DEUS

Sagrado Coração de Jesus Júlia Seffer - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h30, 9h e18h Telefone: 3265-5413 Sagrado Coração de Jesus Distrito Industrial - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h, 8h30 e 17h30 Telefone: (91) 98855 - 2232

Área Missionária São Paulo, Apóstolo Rodovia BR-316 Domingo: 9h e 11h Telefone: 98292-9199 Santíssimo Sacramento Nova União - Marituba Sábado: 18h30 (Capela N. Sra. do Perpétuo Socorro) Domingo: 18h30 (Capela S. Francisco de Assis) REGIÃO EPISCOPAL SÃO VICENTE DE PAULO Cristo Rei Guanabara - Ananindeua Domingo: 7h, 9h30 e 19h Telefone: 3235-1405 Divino Espírito Santo Cidade Nova - Ananindeua Sábado: 7h. Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3263-0603 Santo Inácio de Loyola Icui Guajará - Ananindeua Domingo: 7h e18h Telefone: 991541971

Paróquia Nossa Senhora do Carmo Benevides Sábado - 19h Domingo - 8h e 19h Telefone: (91) 3724-1098

São Lucas Evangelista Guajará - Ananindeua Quinta : 7h e 18h30. Sexta: 18h30 Sábado: 9h e18h30. Domingo: 7h, 17h e 19h Telefone: 3353-0364

Menino Deus Centro - Marituba Domingo: 6h, 8h30 e 18h Telefone: 3237-8351

Santa Maria Mãe de Deus Maguari - Ananindeua Terça, quarta, sexta e sábado: 7h Quinta: 19h; Domingo: 7h e 19h Fone: (91) 3255-5284

N. Sra. de Nazaré Quarta - feira Horário de Missa: às 19h Domingos: às 8h30 Telefone: 98040-5117 /98102 - 7344

Santa Teresinha Águas Lindas - Ananindeua Domingo: 7h30 e 18h Telefone: 9916-4548/99169-3443

N. Sra. das Graças Centro - Ananindeua Sábado: 19h Domingo: 7h e 19h Telefone: 3255-2654

N. Senhora de Guadalupe Coqueiro - Ananindeua Terça a sexta: 19h Sábado: 18h30 Domingo: 7h ,9h e18h Telefone: 3245-7440

N. Sra. do Ó Vila - Mosqueiro Sábado: 19h30 Domingo: 6h30, 9h30 e 19h30 Telefone: (91) 3771-1278

Cristo Peregrino Jaderlândia - Ananindeua De Segunda a Sábado: 19h Domingo: 7h,17h e19h Telefone: 3237-9891

São Pio X Águas Lindas - Ananindeua Domingo: 7h30 e 19h30 Telefone: 32155-2583

Santa Paula Frassinetti Cidade Nova VI - Ananindeua Segunda e quarta: 18h30 Terça e quinta: 19h30 Sexta: 7h. Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h, 18h Telefone: 3279-2620

Santa Rosa de Lima Independente - Benevides Terça a Sexta:18h, Sábado:17h, 19h Domingo: 07h30 e 19h Telefone: (91)3724- 1135 Bom Pastor Nova Marituba - Marituba Segunda a Sexta: 18h Sábado: 6h, 9h30 e 19h Domingo: 6h, 9h30 e 19h Telefone: 4106-0202 N. Sra da Conceição Praça Matriz - Benfica Domingo: 6h15 e 19h30 Telefone: 3450-8147 N. Sra da Conceição Carananduba - Mosqueiro Ter a Sex: 18h30 Sábado: 18h30 Domingo: 7h e 19h Telefone: 3772-1183 Santa Bárbara Centro - Santa Bárbara Domingo: 7h30 e 19h Telefone: 3776-1529 São Marcos Uriboca - Marituba Terça: 19h. Domingo: 7h e 19h Telefone: 3237-8351 Pedro Pescador Baía do Sol - Mosqueiro Ter a sexta: 19h (Igreja S. Sebastião) Quarta: Matriz - 19h Sábado:19h (Igreja São Sebastião) Domingo: 8h (Ig. S. Sebastião); 10 h 3 0 ( I g . D i v. E s p . S a n t o ) ; 19h ( Matriz) Telefone: 99919-4153

Transfiguração do Senhor Curuçambá - Ananindeua Sábado: 18h30 e 20h Domingo: 7h e 18h30 Telefone: 3286-8570 Santa Rita de Cássia Cidade Nova V - Ananindeua. Sábado: 6h30 e 17h30 Domingo: 6h30, 8h30, 7h30 e 19h30. Telefone: 3273-3191/ 3273-3310 Paróquia Santíssimo Redentor Icuí-Guajará - Ananindeua Sábado: 19h30 - Igreja Matriz Domingo: 7h - Igreja Matriz 9h - Comunidade Santo Afonso 17h - Igreja Matriz 19h - Comunidade Cristo Rei São Vicente de Paulo Paar - Ananindeua Domingo: 7h, 8h30 e 19h São José Operário Conj. Carnaúba, Icuí - Ananindeua Domingo: 7h e 18h Telefone: 3295-3545/3031-1172 Nossa Senhora do Amparo Cidade Nova 8 - Ananindeua Terça a Sexta: 19h - Sábado: 19h30 Domingo: 7h, 9h e 18h Telefone: 3287-2418 Santo André Apóstolo Coqueiro - Ananindeua Segunda a sexta - 19h Sábado: 19h45 - Domingo: 8h 19h Telefone: (91) 3235-1658

Não encontrou o horário das missas da sua paróquia aqui? Entre em contato com seu pároco ou com a secretaria da sua paróquia e solicite que nos informem para podermos publicar.


1º Caderno

A

Rádio Nazaré estreou dia 11 de junho, o novo programa da emissora denominado “Seja + Um”, em decorrência da campanha lançada no mês de maio pela Fundação Nazaré de Comunicação. O programa vai ao ar de segunda a sexta das 9h às 10h, pela Rádio Nazaré 91,3, um dos veículos de comunicação da Arquidiocese de Belém, que reúne ainda, a Rede Nazaré de Televisão, o Jornal Impresso Voz de Nazaré e o Portal Nazaré. O programa “Seja + Um” une forças junto a outras ações junto à campanha do mesmo nome, que é realizada em prol da manutenção dos veículos de comunicação da Fundação Nazaré de Comunicação, por meio das adesões dos novos benfeitores. Com uma hora no ar, o programa apresenta grande diversidade, com músicas, participação dos ouvintes, depoimentos e o quadro “Você Sabia?”, que fala do histórico da Fundação Nazaré de Comunicação. Tem ainda o espaço para os aniversariantes do dia, dedicado aos benfeitores da Fundação Nazaré,

Fundação Nazaré 11 Rádio Nazaré estreou o programa ‘Seja+Um’ BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Apresentado por Elyvane Barbosa pela parte da manhã LUIZ ESTUMANO

w BENFEITORA Nazaré e filha em visita à Rádio Nazaré

entre outras atrações. Segundo a coordenadora da Rádio Nazaré, Elyvane Barbosa, que está na apresentação

do programa, sempre existiu o desejo de se ter um espaço na rádio voltado para os benfeitores da Fundação Nazaré,

o que tornou-se realidade com a chegada do programa. Para ela, é importante que as pessoas assumam este compromisso: “A proposta do programa é não deixar que as pessoas esmoreçam, principalmente, aquelas que já fazem parte da Família Nazaré, e com o objetivo de trazer novos colaboradores, outras pessoas que também assumam esse compromisso e que entendam esse projeto de vida, porque a Fundação Nazaré de Comunicação é um projeto de vida, é um projeto de Deus. Muitas pessoas abraçam esta causa, mas nós precisamos de mais”. O programa já tocou o coração de vários ouvintes, por exemplo, o da aposentada Nazaré D’Arque da Silva, de 70 anos, que é uma ouvinte as-

sídua de toda programação da emissora. Depois da estreia do programa a aposentada aderiu à campanha e, melhor, trouxe outra pessoa para unir força, sua filha, a Militar do Corpo de Bombeiros, Nazaré da Silva. Elas visitaram as dependências da Fundação Nazaré de Comunicação, na tarde do dia 26. Segundo Nazaré D’Arque da Silva, é visível o progresso da Fundação Nazaré de Comunicação, pois no passado foi voluntária na instituição, no tempo de Dom Vicente Zico, e sabe da importância que os meios de comunicação da Arquidiocese de Belém têm na sua vida.

Testemunho de Fé

F

ui diagnosticada com a doença diabetes em 2016, em uma das minhas consultas. O médico disse que a minha glicemia estava muito alta e eu teria que me aplicar insulina duas vezes ao dia, assim eu estaria bem, e viva, pois meu estado

já estava bem delicado. Fiquei tão triste e decepcionada que chorei muito, não acreditava que estava passando por isso. No mesmo ano, em uma quinta-feira de julho, fui a uma missa para cura e libertação, mesmo pensando que não iria adiantar eu ir, consciente de que a minha doença já existia e nada iria reverter meu estado de saúde. Chorei pedindo a Deus que Ele não permitisse que a minha doença se agravasse mais e que eu fosse curada. Alguns dias depois fui a uma consulta com outra médica. Ela me disse que, pelo tempo que eu tinha a diabetes, já deveria estar me cuidando muito antes,

DIVULGAÇÃO

tomando insulina há mais tempo e não só a partir da consulta com o médico anterior. Ela me disse que não tinha explicação por eu estar viva. Mas eu tinha: Deus havia feito um milagre em minha vida, impediu que o pior acontecesse e eu pude tratar a doença a tempo. Hoje, graças a Deus estou bem, sem risco algum de vida. Passei a freqüentar mais a casa de Deus, pois sei que passei por isso para que Ele me mostrasse que sem Ele não sou nada. RAYSA DANTAS DOS SANTOS, 27 anos, estudante

Parabéns para você! DIVULGAÇÃO

A

gradeço e louvo a Deus por mais um ano de vida, por mais um ano de graças, que Ele me concede. Agradeço por estar junto de minha família, que Ele continue sempre nos abençoando. Rezo pelas famílias do mundo inteiro e peço muita paz! MARCELO NAIF BAHIA FERREIRA MATHIAS,

professor, 32 anos (30/06) 29/06 Carlos Amaro Costa de Oliveira Casal Antônio Carlos e Ilda Barbosa Casal Ruy Barreiros da Rocha e Lair Gonçalves da Rocha Ely Araújo Gonzaga de Menezes José Maria Menezes Rodrigues Laura da Silva Franco Luiza Santana Henderson Saraiva ença diabetes em 2016, em uma das minhas consultas. O médico disse que a minha glicemia estava

ao dia, assim eu estaria bem, e viva, pois meu estado

F

Maria da Glória do Vale de Jesus Maria Silva Fiúza Paula Cristina Martins da Fonseca Paula Mendes Lima Paulo Corrêa Lazera Pedro Paulo dos Santos Raimunda Gonçalves Cavalcante Sílvia da Conceição Santos Lobato 30/06 Arnaldo dos Santos Abreu Carmen Lúcia da Trindade Valente Cláudia Vasconcelos Machado Hilma do Socorro Lima Ferreira Luciano Gomes de Oliveira Manoel Modesto Henriques Marcelo Naif Bahia Ferreira Mathias Wilma Bahia Lobato 01/07 Ana Cláudia Nery Bayde Casal Posidônio Lopes Guedes e Maria Luiza Miranda Costa Fátima do Socorro Farias Jandira Valente Pereira José Carlos da Silva Batalha Lívio William Moraes da Costa Marcos Vinícius Reis Carvalho Maria da Graça Cateb Bitar Vânia Maria Leão de Araújo 02/07 Oswaldo do Nascimento Maria Batista da Silva Izabel Corrêa Joana Amoras dos Santos Eni do Perpétuo Socorro Corrêa Deise Rodrigues de Souza Ana Zilda Leal Carneiro Helena Gomes Martins Natanael Guerreiro de Lima Maria de Fátima da Costa Mota Marcos André Henriques Monteiro

Camila Cristina da Costa Santos Cruz Andréa Letícia Nascimento Sena 03/07 Carmem Lúcia Leão Alves Casal Maria Ribeiro da Cruz e Vivaldo Amâncio Bezerra Casal Rosemiro Sanches e Maria do Livramento Santiago Eliana Cavalcante Maués Santos Eloísa José Miranda de Souza Elóra Vilhena Amaral Muritiba José Ribamar dos Santos Fonseca Lidiane Lima Barros Lourdes Maria Gomes da Silva Maria Menezes de Souza Maria Modesto Nunes Selma Oliveira Agrassar 04/07 Maria de Nazaré de Oliveira Joanna Benedicta Pinheiro de Sousa Maria de Belém Guimarães Ramos w

Maria José do Nascimento Raimunda Lima dos Santos Ana Maria Costa Corrêa Marluce do Socorro Franco Oliveira Alessandra Nunes Bezerra Gláucia Izabel Leitão Gomes Fabrícia Pinho Conceição Edmilson Dias de Sousa 05/07 Benvinda Monteiro de Araújo Casal José Maria de Araújo Barros e Déria Maria dos Santos Barros Maria do Socorro Silva Resque Martha Maria Ferrari Nassar Miguel dos Santos Barros Neuzilene de Souza Campos Nizomar Oliveira da Trindade Odete Tavares da Silva Paulo César dos Santos Lemos Pedro Antônio Ramos Leite Ronaldo Ribeiro Texeira

Aniversário natalício de padres e diáconos diocesanos 29/06 - Pe. Pedro Diocrésio Francisco 30/06 - Diác. Lauro Oliveira Ribeiro 03/07 - Diác. Raymundo de Oliveira 04/07 - Diác. Edmilson Dias de Souza 05/07 - Diác. Ruberval Cardoso Pantoja

w

Aniversário de ordenação dos padres e diáconos diocesanos 29/06 - Pe. Bruno Sechi 02/07 - Pe. Odorico Raffin 03/07 - Pe. Moisés do Socorro Lima de Matos

AJUDE A MANTER A FUNDAÇÃO NAZARÉ DE COMUNICAÇÃO. LIGUE PARA 4006-9200 E SEJA SÓCIO DA FAMÍLIA NAZARÉ.


Arquidiocese 1º Caderno Eletro Cristo ocorre com muito louvor , adoração e música no sábado, dia 30 12

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

A maior micareta católica do norte busca despertar a coragem, a alegria do Evangelho

C

om o tema “Para Glória de Deus” ocorre no sábado, 30 de junho, a 5º edição da micareta católica “Eletro Cristo” 2018, um evento de louvor e evangelização através da música. A programação é organizada pelas paróquias São Lucas Evangelista, situada no Conjunto Guajará, Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora, no Aurá e Paróquia São José de Anchieta, no bairro do Coqueiro e, ainda, pela ordem dos Padres Providentinos, da Arquidiocese de Belém. O evento conta com a participação de todas as paróquias da Arquidiocese. A maior micareta católica do norte busca despertar a coragem, a alegria do Evangelho e o resgate dos jovens para a missão de ser Igreja. O evento tem a participação das bandas Alto Louvor, de Salvador (BA) e Missionário Shalom, de Fortaleza (CE), ambas participam pela primeira vez da micareta. O Eletro Cristo faz parte do calendário oficial de eventos do município de Ananindeua, projeto de Lei nº 009/2017, para os organizadores o evento “é uma grande conquista, devido ter iniciado timidamente em 2014 e, agora, congrega toda a Arquidiocese de Belém”. O Eletro Cristo inicia

às 16h, com concentração na Avenida Dom Vicente Zico, antiga Arterial 18, na esquina do posto de gasolina, quando a banda Virtude Capital vai se apresentando até a saída da micareta, às 17h, rumo ao Ginásio Municipal de Ananindeua (Abacatão). Nesse percurso o show fica por conta da banda Alto Louvor. Na chegada, prevista para às 19h, já no palco montado na área do ginásio municipal a apresentação será da banda Missionário Shalom. Às 21h, encerramento Eletro Cristo 2018. Segundo Anderson Ferreira, da coordenação do evento, será um dia de unidade: “Eu espero que seja um grande dia em que a nossa Igreja esteja reunida independente a paróquia que frequente. Será um dia de unidade e de honra e glória de Deus, porque esse evento agrega muitas senhoras, crianças, mas o principal público é o jovem. Então a gente espera realmente que muitos jovens sejam tocados, possam ver na nossa Igreja que é importante, é possível a gente se alegrar, se divertir, ir atrás do trio elétrico, mas estando na presença de Deus. Essa é a principal mensagem. A gente espera que os jovens, as pessoas que estejam lá sejam realmente tocadas e experimentem nem

DIVULGAÇÃO

w PROGRAMAÇÃO faz parte do calendário oficial de eventos do município de Ananindeua

que seja só por um dia o quanto é bom a gente ser Igreja, o quanto é bom seguir o caminho da paz, do amor, da humildade, da fraternidade”. CARREATA DE DIVULGAÇÃO

O Eletro Cristo foi antecipado por uma programação de divulgação realizada no dia 24, na ocasião, foi celebrada Santa Missa na matriz da Paróquia de São Lucas Evangelista, às 7h, presidida pelo pároco, padre Amadeu Neto. Após a celebração ocorreu, às 9h, a Carreata Eletro Cristo, que percorreu as principais

ruas e paróquias de Ananindeua, principalmente da Região São Vicente de Paulo. COMO PARTICIPAR

Os abadás que dão direito ao evento ainda podem ser adquiridos na Paróquia de São Lucas Evangelista, no Conjunto Guajará 1, WE 64, bairro Coqueiro, em Ananindeua, na Comunidade Doce Mãe de Deus, localizada na Cidade Nova 6, WE 77, nº 1101, em Ananindeua, na Comunidade Shalom da Cidade Nova e São Brás. Ou ainda pelo site http://www.eletrocristo. com.br/, o valor do abadá é de R$ 20.

SERVIÇO 30 de Junho 16h - Concentração Avenida Arterial 18 (Posto Petrobrás) - Show da banda Virtude Capital 17h - Show da banda Alto Louvor - Comandando o Trio Elétrico. 19h - Show da banda Missionário Shalom. 21h - Encerramento Eletro Cristo 2018.

TRAJETÓRIA DO EVENTO O “Eletro Cristo” é uma micareta cristã que vem s e n d o re a l i z a d a d e s d e 2014, inicialmente pela Paróquia São Lucas Evangelista juntamente com todas as paróquias da Cidade de Ananindeua e tem como

objetivo principal envolver o povo católico da cidade, num grande momento de louvor, utilizando a música como ferramenta de evangelização e resgate do povo de Deus. Em 2014 o evento contou

eu indico

E

MOIZES MORAES CORRÊA,

33 anos, jornalista

u indico o livro “Tempo para Deus”, do autor Jacques Philippe. Este livro ajuda as pessoas que têm sede de Deus e sentem o desejo de adquirir uma vida de oração pessoal. Nos oferece orientações e conselhos concretos, numa linguagem simples, acessível a todos e adaptada à sensibilidade atual, a fim de ajudar-nos a enveredar por esse caminho ou a avançar por ele. E se ao mesmo tempo não perdermos de vista a figura de Maria, Mestra de Oração, não deixarão de produzir fruto abundante em nós. É uma leitura magnífica.

com a participação de dezenas de comunidades e com um público estimado em cerca de mil pessoas que se alegraram em uma noite de muito louvor e fraternidade. Em 2015, o evento contou com a participação

de várias bandas católicas, seguindo a mesma linha do ano anterior e reunindo um público de mais de duas mil pessoas. Em 2016, o evento contava com a participação das 15 paróquias pertencentes à Região Episcopal

BOA DICA

LIVROS E CD'S

n EM SINTONIA COM DEUS (coletânea) - CD (Paulinas, R$15,90)

A

São Vicente de Paulo, e com um público ampliado para mais de três mil pessoas. Em 2017, com o tema “Maria: colo materno de amor” reuniu mais de quatro mil pessoas de todas as paróquias de Ananindeua.

coletânea “Em sintonia com Deus”, de Pe. Jonas Abib e Pe. Zezinho, scj, resgata gravações do período de 1976 a 19 8 6 realizadas pela Paulinas-COMEP, com o tema central da vivência espiritual, da oração e do desejo de estar sempre “em sintonia com Deus” e fazer “da vida uma oração, um só louvor”. As canções, apresentadas alternando a voz dos dois sacerdotes, procuram indicar um roteiro de oração para ser vivido ao longo do dia.

n MANUAL DO DEVOTO DE NOSSA SENHORA DE APARECIDA - Missionários Redentoristas, Livro (Paulus, R$13,00)

É

um dos manuais de orações e cânticos mais populares que se conhece no Brasil. Sua primeira edição f o i e m 19 0 4 . A edição atual passou por uma completa reestruturação, recebendo muitas orações novas e impressão em duas cores. É um manual riquíssimo, tanto pelas orações e cânticos, como também pela doutrina e instrução religiosa.


BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Caderno Dois DIVULGAÇÃO

Igreja realiza a Solenidade de São Pedro e São Paulo Homenagens na Santa Sé acontecem nesta sexta-feira, 29

A

DIVULGAÇÃO

w PAPA FRANCISCO presidirá Santa Missa na praça São Pedro. A Igreja celebra o Dia do Papa

O Óbolo de São Pedro É a ajuda econômica que os fiéis oferecem ao Santo Padre, como sinal de adesão à solicitude do Sucessor de Pedro relativamente às múltiplas carências da Igreja e às obras de caridade em favor dos mais necessitados. As ofertas que os fiéis dão ao Santo Padre destinam-se a obras eclesiais, a iniciativas humanitárias e de promoção social, e também para a sustentação das atividades da Santa Sé. E o Papa, enquanto Pastor da Igreja inteira, preocupa-se também com as necessidades materiais de dioceses pobres, institutos religiosos e fiéis em graves dificuldades (pobres, crianças, idosos, marginalizados, vítimas de guerras e desastres naturais; ajudas particulares a Bispos ou Dioceses em necessidade, educação católica, ajuda a refugiados e migrantes, etc.).

Santa Sé realiza a Solenidade dos Santos Apóstolos Pedro e Paulo na cidade do Vaticano nesta sexta-feira, 29, às 9h30 (hora local de Roma) com a Santa Missa presidida pelo Papa Francisco na Praça São Pedro. Na ocasião, o Pontífice também conduzirá a bênção dos Pálios para novos Arcebispos Metropolitanos. Nessa ocasião, a Igreja também celebra o Dia do Papa, e a oferta da Santa Missa é dedicada ao Óbolo de São Pedro. Na Arquidiocese de Belém, a Solenidade de São Pedro e São Paulo será comemorada pelas diversas comunidades diocesanas que homenageiam os santos. EM BELÉM - O Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, celebra Missa às 19h na Área Missionária São Paulo Apóstolo no Condomínio Salinas, em Marituba, região metropolitana da capital.

O Bispo Auxiliar Dom Irineu Roman preside celebração também na sexta-feira, 29, às 12h na festa de São Pedro promovida pela Paróquia de Sant´Ana, e às 19h, na Paróquia São Pedro Pescador, na ilha de Mosqueiro. Domingo, 1º de julho, o Bispo celebra Missa às 18h, na Paróquia São Pedro e São Paulo, no bairro do Guamá, e na segunda-feira, 2 de julho, Dom Irineu preside a Santa Missa das 19h na Comunidade São Pedro e São Paulo, ligada à Paróquia Nossa Senhora do Livramento, em Icoaraci. Dom Antônio de Assis Ribeiro também preside Missas na Solenidade de São Pedro. Nesta sextafeira, ele celebra Missa às 19h30 na Comunidade São Pedro, ligada à Paróquia Santa Teresinha, no bairro do Tenoné. Domingo, 1º de julho, ele preside a Missa das 19h na festividade de São Pedro Pescador, na Baia do Sol, em Mosqueiro.

No Guamá, segue a festa Mosqueiro para São Pedro e São Paulo homenageia São Pedro LUIZ ESTUMANO

A Paróquia de São Pedro e São Paulo, no bairro do Guamá, segue até domingo, 1° de julho, a festividade em honra a seus padroeiros com o tema “Com Pedro e Paulo, seguimos Jesus, Sal e Luz do Mundo”. Sexta-feira, 29, comemora-se o dia de São Pedro e São w GUAMÁ celebra os padroeiros em sua paróquia Paulo e a programação começa às 6h com 18h haverá novena e às da Silva, seguindo-se o dia terço da alvorada. Às 19h, missa presidida pe- com diversas atividades. 12h, padre Wagner Lima lo frei Paulo Alessandro, Às 17h, a procissão com celebrará Santa Missa pároco da Paróquia São as imagens de São Pedro com a tradicional bên- José de Queluz. Após a e São Paulo e a Santa ção das chaves, referên- Missa,segue-se a progra- Missa às 18h, presidida por Dom Irineu Roman, cia à passagem bíblica: mação cultural. No dia 1° de julho, úl- Bispo Auxiliar de Belém, “Eu te darei as chaves do Reino dos Céus: tu- timo dia da festividade, a encerra a festividade do o que ligares na terra programação começa às em homenagem às coserá ligado nos céus, e 7h com terço da alvorada lunas da Igreja. A parótudo o que desligares na e às 8h, Missa celebrada quia fica na rua Barão terra, será desligado nos pelo pároco, o padre An- de Igarapé Miri, 430, céus.” (Mt 16, 19). Às tônio de Pádua Rodrigues no bairro do Guamá.

Desde o dia 28 de junho, a Paróquia de São Pedro Pescador, na ilha de Mosqueiro, realiza sua festividade em honra a São Pedro com o tema “Sede Sal da Terra e Luz do Mundo”. Nesta sexta-feira, 29, o dia do Padroeiro, será animado com procissão fluvial às 8h, saindo da Comunidade Maurícia com destino a Capela do Divino Espírito Santo a chegada da romaria haverá Missa e, em seguida, almoço partilhado com a comunidade. A noite, às 18h45, haverá o Santo Terço, e em seguida, o Bispo Auxiliar, Dom Irineu Roman, celebrará a Santa Missa com Crisma de adultos. Domingo, 1° de julho, Dom Antônio de Assis Ribeiro, Bispo Auxiliar de Belém celebra a Santa Missa e a crisma das

crianças às 19h. Na quarta-feira, 4, será a vez de Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo Metropolitano de Belém, celebrar a Santa Missa às19h. Sábado, 7, terá a procissão das crianças às18h, saindo da Capela do Divino Espírito Santo, passando pela rua Nova, rodovia BL 13 até a Igreja Matriz. Em seguida haverá a Santa Missa, seguida de atividade cultural. No domingo, 8, a festividade encerra-se com a procissão luminosa, saindo da Capela do Divino Espírito Santo, passando pela avenida Beira Mar, rodovia BL 13, até Igreja Matriz. Na chegada, às 19h, terá a missa de encerramento da festividade. Participe! A igreja fica na rodovia BL 13, n°100, Baia do Sol, na ilha de Mosqueiro.


2

Igreja

2º Caderno

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Miscelânea Côn. Cláudio Barradas (claudiobarradaspe@gmail.com)

I

niciemos está edição de miscelânea complementando as informações da passada sobre o uso diário da batina pelos seminaristas da Filosofia e da Teologia, no Seminário Nossa Senhora da Conceição, nos idos de 40. Antes, porém, a razão da gravura de Madre Rosa Gattorno, nela estampada, então omitida. Visava satisfazer a possível curiosidade de algum leitor sobre como era, antes da reforma pós-Vaticano II, o hábito das religiosas filhas de Sant’Ana, simplíssimo, mas, a meu ver, belo e elegante. Complementando as informações sobre o uso diário da batina: como já se disse aqui, tínhamos duas, uma para as festas e os domingos e outra, de qualidade inferior, para o dia a dia. Nas horas de lazer, - para todos, voleibol, e, para os aficionados, futebol, coqueluche do brasileiro- e, nas de trabalho, pois àquela época éramos nós, seminaristas, que fazíamos toda a limpeza da casa, até lavar os banheiros e os sanitários, tínhamos uma espécie de bata, a que dávamos o nome, convenhamos que significativo, de guarda-pó.

A propósito do Círio (30) Como também já o disse, a batina dos dias de festa, mais sofisticada, era confeccionada por um famoso alfaiate do Recife, cujo sobrenome Lira, especialista em trajes eclesiásticos. Por falar em Lira, aqui vai uma tirada minha, por sinal de péssimo gosto e altamente desrespeitosa, embora feita sem maldade e por brincadeira, dirigida nada mais nada menos que ao grande Dom Mário de Miranda Vilas Boas, nosso inesquecível Arcebispo. Estávamos de férias no Seminário Ferial, em Icoaraci, o Tabor, minha atual residência há dois meses e alguns dias, muitíssimo bem administrado pela Comunidade Sementes do Verbo. Era domingo e Dom Mário fora passá-lo conosco. Após o almoço, antes de ele se ir, ficou conversando conosco no alpendre e, lá pelas tantas, voltou-se para mim e me perguntou: - Crespim, - era assim que ele me chamava, devido a um personagem teatral marcante, interpretado por mim, na peça “O advogado em apuros”- essa

batina é do Lira? Ao que eu, em resposta, querendo dar uma de engraçado, está-se a ver que indevidamente: - Não, excelência, esta é minha. Como era de se esperar, ninguém conteve o riso, Ahahahahahahahahahaha, menos Dom Mário, que ficou sem jeito, mais vermelho que um camarão. No carro, de volta a Belém, - vim com ele, por ordem do reitor, o saudoso salesiano pe. Lourenço de Gatti, a quem eu carinhosamente, não, claro, na sua presença, chamava de vó, tal seu carinho por todos nós- Dom Mário desabafou: - Isso lá são modos de responder a seu arcebispo, menino! E eu, morto de vergonha, com vontade de me enterrar no chão: - Mil vezes perdão, excelência, isso nunca mais se repetirá. Nesse mesmo dia, eu aprontei outra. Como chegaríamos tarde a Belém, o pe. Gatti mandou-

me dormir no seminário e só retornar no dia seguinte, pela manhã. Quase à meia-noite, fui acordado por um ranger na velha escada que levava ao andar em que ficava o dormitório, àquela hora completamente às escuras, luz, apenas, um leve reflexo da lua. Apavorado, – nem era para menos, tanto mais que sempre fui medroso a mais não poder – imaginando o pior, embatinei-me rapidíssimo, no maior silêncio, peguei um dos tamancos, meu calçado nas férias, e encolhi-me ao máximo, enrodilhado em mim mesmo, na cabeceira da cama, à espera de quem quer que fosse. A porta do dormitório, que estava só encostada, abriu-se com um rangido, o tal intruso adentrou-se e, com passos propositadamente ruidosos, pôs-se a abrir cela por cela, cuja paredes de pano, claro que à procura só podia ser aqui do degas. Demorou-se um pouco a chegar à minha cela, por ser ela a última. Ao abri-la, sapequei-

lhe uma tamancada com toda a força que o pavor me deu, levando-o a gritar, angustiado, “Ai minha testa, seu felho duma égua”, e, sem mais, se mandar, gemendo baixinho. Identifiquei-o no ato, pela voz e pelo sotaque: seu Samuel, clérigo salesiano pernambucano que, terminado seu estágio, - todo salesiano, finda a Filosofia, estagiava por dois anos, como assistente (babá) dos alunos, num dos colégios da Congregação - de manhãzinha deixaria Belém para cursar Filosofia, se bem me lembro, em São Paulo. Devo ter-lhe rachado a testa, coitado, do que não me arrependi. Quem manda querer me meter medo, ou, nem pensar, coisa pior. E se tivesse querido apenas, inocentemente, despedir-se de mim, bom amigos que éramos? Jamais mais vim a sabê-lo, pois nunca mais nos vimos. Ao que me consta, faleceu, pouco depois de ordenado presbítero. Queira Deus, lá onde está, não se meta a repetir a brincadeira. Descanse em paz, Samuca. A título de curiosidade, assim o apelidávamos, sem que ele soubesse. Shalom!

Santos da semana Diác. Benedito Otávio (artpresent@superig.com.br)

29/06 - SEXTA-FEIRA Santa Emma de Gork - Condessa da Áustria

03/07 - TERÇA-FEIRA São Leo, Leone ou Leão II - Papa

A Áustria tem em sua história muitos santos, entre eles, alguns da corte austríaca, como é o caso de Emma, que viveu de 980 a 1045. Exemplo de coração bondoso que brota no meio do luxo dos palácios. Não mostrou resistência ao casamento arranjado que toda jovem da nobreza era obrigada a aceitar. Com o conde Wilhelm teve dois filhos, todos mortos em conflitos. Diante de tanta dor, seu coração se inflama ainda mais pela caridade, então ela doa tudo o que possuía, constrói igrejas, mosteiros. Quando foi exumada, seu corpo tornara-se pó, mas, suas mãos, caridosissimas, estavam intactas.

Sucedeu o Papa Agatão, que governou de 678 a 681. E depois de 221 anos, este siciliano retoma o nome do grande Leão Magno, que governou de 440 a 461. Mas, como a Igreja estava atrelada ao poder do império, ele só veio a subir à Cátedra de Pedro um ano e meio depois da morte de Agatão, pois tinha que esperar a confirmação do imperador. Mas isso não o impediu de lutar contra a heresia monotelita. Terminara o 3º concílio de Constantinopla (680 a 681). Sua sabedoria foi decisiva para a paz entre Roma e Constantinopla. Ficou conhecido também por defender muito os mais carentes.

30/06 - SÁBADO São Marçal de Limoges - Bispo e Mártir

Tirando todo paganismo das festas juninas e escutando os mais velhos, podemos descobrir a beleza da verdadeira comemoração: o banho de cheiro na madrugada de São João; as festinhas inocentes das paróquias e as fogueiras que se acendem para os santos: Antonio; João, Pedro e Paulo e o querido Marçal, esta, a única de paneiro (folclore brasileiro). Proveniente da Ásia Menor, Marçal viveu no séc. III. Foi bispo e evangelizador da região de Limoges, hoje França. Martirizado junto com S. Alpiniano e Austricliniano, presbíteros. Quem no-lo relata é Gregório de Tours. 01/07 - DOMINGO SÃO PEDRO E SÃO PAULO São Nicásio Camuto de Búrgio - Cavaleiro de Malta e Mártir

A Ordem Soberana e Militar Hospitalaria de São João de Jerusalém, de Rodes e de Malta, começou no séc. XI como uma ordem Beneditina, nos tempos das Cruzadas, a fim de defender os peregrinos que iriam à Terra Santa. Após todos esses séculos, hoje eles prestam auxílio emergenciais a muitos países, como a Cruz Vermelha. E Nicásio foi um dos muitos servos que honraram sua ordem. Viveu de 1130 a 1187. Foi preso na batalha de Hattin, próximo de Tiberíades, e morto por se recusar a negar a fé em Jesus Cristo.

04/07 - QUARTA-FEIRA Santo Antonio Daniel - Sacerdote e Mártir

02/07 - SEGUNDA-FEIRA Santo Swithun de Winchester - Bispo

De um dos sete reinos, heptarquia, da antiga Inglaterra, século IX, conhecemos um austero, porém apaixonado pelo Evangelho de Jesus. Levou a evangelização aos pobres de Winchester e fundou várias igrejas. Era conhecido por suas longas caminhadas a pé nas visitas às comunidades. Teve grande apoio do rei Egbert de Wessex e também do rei Ethelwulf de Winchester, de onde foi bispo por 10 anos. Faleceu em 862. Ao ser transladado em 971, em meio a uma terrível seca, o rei Ethelwold rezou por sua intercessão pedindo chuva. Imediatamente choveu muito. Por isso, é comparado com Santa Bárbara.

Nascido em Dieppe, Normandia, França, 1601. Estudou Direito. Ingressou na Companhia de Jesus aos 20 anos como sacerdote. Mais tarde foi em missão para o Canadá, 1632. Lá, ele passou por muitas localidades indígenas. Sua catequese se destacou por ensinar o Pai-Nosso em forma musical. Na Missão de Santa Maria, em 1648, foram atacados por uma tribo rival, os Iroquois. Antonio pede para todos correrem, mas, como bom pastor, fica empunhando uma cruz, enfrentando os aborígines. O povo ganha tempo para fugir e ele é flechado e baleado muitas vezes. Canonizado em 1930 por Pio XI. 05/07 - QUINTA-FEIRA Santo Atanásio de Jerusalém - Diácono e Mártir

O nome “Atanásio” vem do grego e significa o que não morre, imortal. O santo desse nome realmente foi imortalizado quando enfrentou as críticas irreverentes do rei pagão Eutychian Teodósio contra a doutrina firmada no Concílio de Calcedônia, 451. O rei ordenou sua prisão e morte imediata. Ele não é mencionado no Sinassário oriental, que é o estudo dos santos das igrejas orientais. As pesquisas do historiador do século XVI, cardeal César Baronius, nos trouxeram seu grande exemplo.


2º Caderno

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Arquidiocese

3

FOTOS: DIVULGAÇÃO

w MOSQUEIRO Paróquias Nossa Senhora do Ó, sem alteração no horário

w OUTEIRO Nossa Senhora Imaculada Conceição, mudança nos horários

Programação de missas nos balneários durante o mês de julho

Paróquias da Arquidiocese de Belém estabelecem horários diferenciados durante as férias de julho

w ICOARACI Paróquia Nossa Senhora de Fátima, não alterou os horários

D

te o mês de julho. As paróquias já confirmaram programação especial nos horários de missas durante este período.

urante o mês de julho, as paróquias da Arquidiocese de Belém passam a receber muitos visitantes. Para melhor acolhêlos, os horários de celebrações neste período nos balneários, como em Mosqueiro, Outeiro, Benevides, Distrito de Icoaraci e Benfica sofrem algumas alterações. Confira a programação do mês de julho:

Na Paróquia Divina Misericórdia, localizada na Passagem Oliveira , próxi-

mo a Passagem Joana D’Arc, Conjunto Águas Negras, celebrações na quinta-feira, às 18h30, sexta-feira, às 19h e aos domingos 7h e 18h. A Paróquia Nossa Senhora de Fátima ,

MOSQUEIRO

As missas durante o mês de julho no distrito de Mosqueiro sofreram alterações nos dias e horários de celebrações como na Paróquia Nossa Senhora da Conceição, localizada em Carananduba, com celebração de missa somente aos fins de semana. No sábado as 18h30 e domingo 7h. Na Paróquia Nossa Senhora do Ó, localiza-

da na Travessa Coronel Carlos Bentes, na Vila, celebrações normais. Para os fiéis que irão viajar aos fins de semana, missa na terça-feira e quarta-feira, às 18h30, e na, sexta, sábado e domingo, às 19h30. As celebrações na ParóquiSão Pedro Pescador, na Baía do Sol, tam-

bém sofreu alterações em horários das celebrações que vão ocorrer

w BENFICA Nossa Senhora da Conceição, sem alterações nas celebrações

wSÃO João Batista e Nossa Senhora das Graças

somente aos sábados, às 8h, e domingo em dois horários, 8h e 19h. OUTEIRO

Para os fiéis e visitantes durante o veraneio no distrito de Outeiro, em Belém, as paróquias realizam programação de missas especialmente durante este período.

Na Paróquia Nossa Senhora Imaculada Conceição , localizada

na Avenida Manoel Barata, 190, celebrações na terça-feira, às 19h, sexta-feira e sábado: 7h. E

localizada na Rua Oito de Maio, não alterou os horários de celebrações durante este período. Portanto, as missas continuam na terça, quinta e sexta, às 18h30. Aos sábados, às 19h. E aos domingos 7h e 19h.

As missas na Paróquia São João Batista e Nossa Senhora das Graças , localizada na

Praça Pio XII, ocorrerão na terça-feira, às 19h, sexta-feira, às 18h30, sábado, às 19h30 e aos domingos 7h e 19h. BENEVIDES

Como de costume, o município de Benevides atrai muitos fiéis e visitantes durante o período de julho, portanto, as paróquias da região preparam uma programação especial nos dias e horários das celebrações eucarísticas. Na Paróquia Nossa Senhora do Carmo, localizada na Avenida Nações Unidas, Benevides, celebrações de quarta a

sábado, às 18h30 e aos domingos 7h e 19h. As missas na Paró-

quia Santa Rosa de Lima, localizada na Ave-

nida Santa Rosa, bairro Independente, serão realizadas na terça e quinta, às 18h30 e aos domingos 7h e 19h. BENFICA

A tradicional Paróquia Nossa Senhora da Conceição , locali-

zada na Avenida José Rodrigues dos Santos, celebrações durante o mês de julho, sem alterações nos dias e horários. Sendo assim as missas continuam em seus horários habituais, na quinta-feira, às 19h30 e aos domingos 6h15 e 19h30.

aos domingos, às 7h30.

A programação da Paróquia São Francisco de Assis , localiza-

da na Estrada Velha do Outeiro, 1722, bairro da Maracacuera, mudou os horários de programações durante os veraneios. As celebrações serão realizadas na terça-feira e sexta-feira, às 19h. E aos domingos, às 7h e 18h30. DISTRITO DE ICOARACI

O distrito de Icoaraci atrai muitos fiéis duran-

w BENEVIDES Paróquia Nossa Senhora do Carmo, horários habituais


Igreja Em julho terceira edição do retiro da Comunidade Católica Nova Aliança 4

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

2º Caderno

Evento ocorre de 20 a 22 de julho

“I

ntimidade com Deus” é a denominação da terceira edição do retiro promovido de 20 a 22 de julho pela Comunidade Católica Nova Aliança, no Centro de Evangelização São João Paulo II, localizado na Rua Doutor Assis, nº 130, bairro da Cidade Velha, local da Casa de Missão em Belém, próximo à Catedral Metropolitana de Belém. O evento é aberto ao público em geral e objetiva a cura interior graças a um encontro pessoal com Deus. É um encontro de oração, com pregações. Como o evento é interno, os participantes pernoitarão no local. Segundo Márcia Firmino, membro de vida e coordenadora da Comunidade Católica Nova Aliança da Casa de Missão em Belém, “O retiro é onde Deus vai trabalhar a nossa his-

tória pessoal de vida. Então as pregações são mais para nos ajudar a rezar depois da pregação, então são pregações mais rápidas para nos ajudar nesse clima de oração e nossa intimidade com Deus”. Participam da programação como pregadores o fundador da Comunidade Católica Nova Aliança, Magno Fernando Ferreira, e o sacerdote da comunidade, padre Rafael Ligeiro, que virão a Belém especialmente para esse encontro. Ambos residem em Anápolis (GO), cidade onde, em 1991 nasceu a comunidade, cujo carisma é “Instaurar e Restaurar a Aliança de Amor, Compromisso e Fidelidade entre Deus Pai e a humanidade”. A comunidade chegou a Belém em 2007. Na sexta-feira, 20, às 19h, a abertura será com

acolhida dos participantes. No segundo dia, 22, às 8h, logo após o café da manhã, haverá louvor, animação, pregação e, em seguida a oração o evento é muito livre, pois não segue uma ordem. No terceiro dia, 23, a programação segue livre, mas com momentos de pregações e oração. INSCRIÇÕES

As inscrições estão abertas e podem ser feitas no próprio local do evento, no horário comercial. No ato, o interessado deve preencher ficha de inscrição e, posteriormente, realizar pagamento da taxa de inscrição que custa R$: 150,00 reais, com direito aos três dias de retiro, incluindo alimentação, estadia e o material a ser usado durante os dias de evento. As vagas são limitadas. Informações: (91) 99010-6025 ou 98251-0190.

HISTÓRICO A Comunidade Católica Nova Aliança, fundada em Anápolis-GO, em 1991, por Magno Fernando José Ferreira, tem o Carisma de “Instaurar e Restaurar a Aliança de Amor, Compromisso e Fidelidade entre Deus Pai e a humanidade”. Está presente na Arquidiocese de Belém do Pará desde 2007. Depois de desenvolver seu trabalho de evangelização nos bairros da Sacramenta, Paróquia de São Sebastião, e no Tapa-

nã, Paróquia Jesus Bom Samaritano, a Comunidade Nova Aliança hoje está situada na Cidade Velha, Paróquia Nossa Senhora da Graça Catedral Metropolitana de Belém. Através de, entre outras atividades, visita às famílias, Grupo de Oração, Grupo de Jovens, Catequese, Acompanhamento Espiritual, Encontros, Retiros, têm colaborado para que as pessoas tenham uma experiência com o amor de Deus e vivam sua filiação, descubram

ou redescubram o que verdadeiramente são: filhos amados de Deus. A missão conta hoje com 11 membros, sendo sete na comunidade de vida e quatro na comunidade de aliança. Tem como intercessores e baluartes, São Francisco de Assis, Santa Terezinha do Menino Jesus e Santa Josefina Bakhita, e abraça os desafios e as graças desta terra de miss ã o, q u e c a m i n h a sob o manto da Virgem de Nazaré.

Lançada logomarca da 4ª Semana Brasileira de Catequese A Comissão Episcopal para Animação Bíblico-Catequética da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) realizará de 14 a 18 de novembro de 2018, em Indaiatuba, Itaici (SP), a 4ª Semana Brasileira de Catequese. A iniciativa pretende compreender

a catequese de inspiração catecumenal a serviço da Iniciação à Vida Cristã, buscando novos caminhos para a transmissão da fé, no contexto atual. “O evento é uma oportunidade de reafirmar nosso empenho e compromisso no serviço à Iniciação à Vida Cristã, como um

itinerário para formar discípulos missionários de Jesus Cristo numa comunidade querigmática, mistagógica e missionária”, afirma o assessor da Comissão, padre Antonio Marcos Depizzoli. Nessa semana, o site da Comissão divulgou a logomarca do evento.

O símbolo visual tem como inspiração o texto bíblico: “Nós ouvimos e sabemos que ele é o Salvador do mundo” (Jo 4,42), e é constituído por uma cruz central, sinal de salvação e do amor de Jesus. A cruz refere-se à morte de Jesus e também à sua ressurreição.

Compêndio do Catecismo da Igreja Católica O Jornal Voz de Nazaré continua as reflexões iniciadas em 2013, Ano da Fé, com a publicação do Compêndio do Catecismo da Igreja Católica. De maneira concisa, a publicação apresenta, numa visão de conjunto, todo o panorama da fé católica, com seus elementos fundamentais.

IV PARTE (A Oração Cristã) SEGUNDA SEÇÃO A Oração do Senhor: Pai Nosso

580

581

O Pai Nosso é chamado de “Oração dominical”, ou seja, “a oração do Senhor”, porque nos foi ensinado pelo próprio Senhor Jesus. 27652766 2775

Oração da Igreja por excelência, o Pai Nosso é “entregue” no Batismo para manifestar o novo nascimento para a vida divina dos filhos de Deus. A Eucaristia revela seu sentido pleno, pois seus pedidos,

. Por que é chamado de “a oração do Senhor”?

. Que lugar ocupa o Pai Nosso na oração da Igreja? fundando-se no mistério da salvação já realizado, serão plenamente atendidos na vinda do Senhor. O Pai-nosso é parte integrante da liturgia das Horas. 2767-2772 2776


2º Caderno

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Arquidiocese

5

FOTOS: DIVULGAÇÃO

w PADRE Osmar em sua última celebração na Natividade

w OUTRO MOMENTO da última missa de pe. Osmar como pároco

Paróquia despede-se do padre Osmar Padre foi operoso pároco da Natividade, conjunto Sideral, por cerca de cinco anos

A

última missa do padre Osmar Antônio dos Santos como pároco da Paróquia da Natividade de Nosso Senhor Jesus Cristo foi celebrada na noite de domingo, 24 de junho. Durante a celebração, a comunidade, situada no conjunto Sideral, registrou sua mensagem de carinho pelo trabalho desenvolvido pelo sacer-

dote em sua missão paroquial, desempenhada ali por cerca de cinco anos. Ele agora segue para outra missão, ainda em Belém. “Louvamos a Deus pelo dom do serviço vocacional germinado no seu coração. Além de nos nutrir com a Palavra de Deus, pudemos presenciar a concretização de vários sonhos

e projetos da nossa igreja. Sem dúvida, somos gratos por suas ações”, disse o comentarista durante a homenagem ao padre Osmar. Os sentimentos de gratidão foram unidos ao entendimento sobre o querer de Deus na missão do padre Osmar. “Entendemos que os planos de Deus o conduzem para novas Mis-

sões. Há mais pessoas que precisam aprender com o senhor, há mais pessoas que precisam ser evangelizadas, há mais pessoas que precisam do seu amor”. Despontaram ainda as orações pela nova missão do padre Osmar. “Foi Deus quem lhe deu a graça de ser quem é. E como instrumento de Deus, estará onde Ele

quiser, sendo exemplo de Cristo, que entregou a sua vida por amor ao que é do Pai. Em nome de todos os grupos, pastorais, movimentos e paroquianos, muito obrigado, padre Osmar” Os paroquianos também fizeram questão de se expressar, a exemplo de Edivaldo Braga: “Padre Osmar sempre será lembrado como padre

do trabalho. O senhor segue para outra missão, mas deixou seu nome em nosso coração. Que Deus o abençoe sempre”. Andrea Lúcia Oliveira Nascimento agradeceu e rezou pelo padre Osmar. “Ao nosso sacerdote, todo agradecimento! Nossas orações para que sua nova missão renda muitos frutos!”, concluiu.

Jovem paraense vai para missão no Haiti No início de julho duas brasileiras embarcam para uma missão no Haiti. As jovens Joice Naira, do Piauí, e Leidiane Santos, do Pará, coordenadoras da Juventude Missionária nos Regionais Norte 2 e Nordeste 4 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) partem para uma experiência de três meses, na cidade de Porto Príncipe, no Haiti. As meninas fazem parte do projeto “Juventude ad gentes” da Juventude Missionária das Pontifícias Obras Missionárias (POM) em parceria com a Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB). Elas vão colaborar em projetos de educação, saúde, economia solidária e evangelização. Joice Naira, do Regional Nordeste 4 da CNBB, já realizou diversas experiências missionárias na diocese de Campo Maior (PI), onde mora, e já participou de encontros, intercâmbios, missão jovem e missão nacional em outros regionais. De Belém do Pará a escolhida foi a coordenadora estadual da Juventude Missionária do Pará, Leidiane Santos. No dia 18 de junho, na sede do Regional Norte 2 da CNBB, em Be-

lém, aconteceu a missa de envio presidida pelo presidente do Regional, Dom Bernardo Johanes e pelo coordenador do Conselho Missionário Regional Norte 2 (COMIRE Norte 2), padre Paulo Andreolli. O intuito do projeto Juventude ad gentes é enviar jovens a essas frentes missionárias para que sejam presença de comunhão e fraternidade, na convivência e na partilha da vida. “A missão não é um enfeite que a Igreja e que nós como cristãos

católicos assumimos ou não. Isso faz parte do nosso ser, da nossa identidade”, diz o bispo auxiliar de São Luís do Maranhão e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial, Dom Esmeraldo Barreto de Farias. Neste espírito de colaboração, os grupos da Juventude Missionária atuam também no projeto Corrente Solidária, buscando ajudar financeiramente a missão no Haiti.

w LEIDIANE SANTOS coordenadora estadual da Juventude Missionária

TERCEIRA PARTE

YOUCAT

A VIDA EM CRISTO PRIMEIRA SEÇÃO

Para que estamos na terra, o que devemos fazer e como nos ajuda o Espírito Santo de Deus? SEGUNDO CAPÍTULO

A Comunhão Humana

O

Jornal Voz de Nazaré segue os estudos sobre o YOUCAT - Catecismo da Igreja Católica, escrito para JOVENS que querem saber em que acreditam. Este projeto iniciou-se por ocasião da Jornada Mundial da Juventude, Rio, 2013.

Por que motivo a “dupla moral” é uma tão pesada contra os cristãos? 347.acusação A concordância entre a vida e o testemunho é o primeiro pressuposto

para o anúncio do Evangelho. A “Dupla Moral” significa, portanto, trair a mis-

são dos cristãos, que é ser “sal da terra” e “luz do mundo” [2044-2046].


6

Igreja

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

2º Caderno

CNBB destaca os principais temas da reunião do Conselho Permanente

Secretário-Geral, Dom Leonardo Steiner, fala da recente reunião episcopal ocorrida em Brasília

C

om informações da CNBB - A preparação da 57ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), o último documento do “Pensando o Brasil”, as reflexões sobre a contribuição da Conferência para o Ensino Religioso confessional nas escolas públicas e a sexualidade humana foram temas principais da reunião do Conselho Permanente da CNBB, de 19 a 21 de junho, na sede provisória, em Brasília (DF). O secretário-geral da Conferência, Dom Leonardo Steiner, fez breve balanço do encontro. Acompanhe na entrevista a seguir: O Conselho Permanente esteve reunido por três dias e qual é o balanço que o senhor faz desse encontro dos bispos dos regionais, das comissões e da Presidência da CNBB? O Conselho Permanente da CNBB é o órgão mais importante da Conferência depois da Assembleia Geral. É a instância responsável pela tradução das decisões da Assembleia Geral. No cumprimento dessa missão, os bispos tiveram, mais uma vez, uma agenda muito boa na qual trabalhamos em vários turnos e ainda assim não conseguimos esgotar todos os assuntos. Diante do trabalho realizado, poderíamos destacar quatro assuntos que tomaram maior parte do tempo: a preparação da Assembleia do ano que vem, apreciação do último documento do “Pensando o Brasil”, as reflexões sobre a contribuição da CNBB para o Ensino Religioso confessional

DIVULGAÇÃO

w MEMBROS do Conselho na reunião ocorrida de 19 a 21 de junho na sede da CNBB, em Brasília

nas escolas públicas e a sexualidade humana. É a atualização das novas Diretrizes Gerais para a Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE) que está no centro dos trabalhos da 57ª Assembleia Geral dos bispos em 2019? É isso mesmo. As Diretrizes são uma contribuição importante dos Bispos para a evangelização nas igrejas particulares, nas comunidades católicas. Os bispos preferem que continuemos o caminho iniciado em 2011 e renovado em 2015 conservando as urgências pastorais. Desse modo, os regionais, as dioceses, paróquias e comunidades podem consolidar suas iniciativas pastorais realizadas nos últimos anos. No entanto, houve nas reflexões e discussões o desejo de que se aborde a questão da cultura urbana, ou a presença da Igreja na realidade urbana. Há tantos desafios neste campo. Já não podemos

confiar em métodos que levavam em conta uma vida do povo de décadas atrás quando o mundo urbano ainda era o ambiente apenas de quem vivia em grandes cidades. Hoje, a urbanização além de ter se instalado nas pequenas localidades também chegou ao campo. É um ambiente novo que pede respostas novas da Igreja nos métodos de sua missão. Por isso, houve a insistência de que as Diretrizes levem em conta também os últimos documentos da Conferência que abordam especificamente 4 das 5 urgências. As periferias geográficas e existenciais são os ambientes onde a urbanizaç ão mostra exigências maiores e são nelas que a Igreja é chamada a levar a luz de Jesus Cristo. Além disso, todo o conjunto da evangelização precisa ser refletido a partir da cultura urbana dos nossos tempos. O movimento que a Igreja no Brasil tem feito em torno de temas fundamentais para a vi-

da da Igreja e na sociedade por meio do projeto “Pensando o Brasil” tem um texto novo e dessa vez o que se pretende refletir? A laicidade do Estado. É um tema recorrente no Brasil. Ela aparece sempre quando se deseja justificar um tipo de restrição à manifestação da Igrejas ou para combater a tradição do povo. Muitas vezes se confunde o Estado laico com Estado ateu. Isso no sentido de que o Estado sendo laico pode parecer que não exista liberdade de expressão religiosa, e não pode haver expressões religiosas em público. Por isso, discutimos a questão do Estado laico e publicaremos um texto abordando essa realidade no Brasil. Será um subsídio muito significativo sobretudo quanto ao compromisso social do cristão. Ajudará a refletir a nossa presença como Igreja, como cristãos, como católicos na sociedade brasileira. O senhor disse

que também trataram dos encaminhamentos a respeito do que a do Ensino Religioso confessional nas escolas públicas. Sim. É um tema que necessita de acompanhamento e preparação de pessoas que possam apresentar o Ensino religioso como uma contribuição para a formação da pessoa e aprofundamento da própria fé. A Comissão Episcopal Pastoral para a Cultura e Educação da CNBB coordena esse serviço. Ela apresentou aos membros do Conselho Permanente os passos dados. O importante é que a Igreja ofereça, como sempre o fez, uma ajuda desinteressada, sem proselitismo, mas comprometida na busca de uma educação integral e de qualidade. Fortaleça o primado da liberdade e dos valores essenciais do humano. A religião pode dar uma extraordinária contribuição nesse sentido. A Comissão Episcopal Pastoral Vida e Família apre-

sentou no Conselho Permanente um texto sobre a sexualidade humana. O Conselho Permanente tem refletido a questão da sexualidade humana, no que diz respeito ao que costumamos denominar ideologia de gênero. Inspirado no Evangelho e no magistério da Igreja, foi refletida essa realidade e foi confiada à Comissão Vida e Família a publicação sobre a grandeza de sexualidade humana. Serão indicações pastorais para ajudar as nossas famílias, comunidades, professores no esclarecimento e discussão sobre a ideologia de gênero. Nesse contexto abordamos a audiência pública sobre o aborto e a participação da CNBB, bem como de outras entidades religiosas na mesma. Lembramos a nota da CNBB sobre o tema em questão. Seria até importante publicar mais uma vez no nosso Site, pois é uma declaração importante de nosso episcopado e pouco conhecido. Apesar de todas as pressões continuamos seguindo o Evangelho: defender a vida! O senhor teria mais algum assunto que foi abordado no Conselho? Também conversamos sobre a necessidade de defender a soberania dos bens do Brasil. Foi lembrado a Petrobras e a Eletrobrás. Não podemos perder a soberania sobre os bens que estão ligadas a essas duas empresas brasileiras: água, petróleo, gás, energia elétrica. Foi lembrado que a CNBB já abordou a questão em uma nota. Nesse momento seria bom que ela fosse mais uma vez visibilizada.

FNS: projetos que receberão apoio são avaliados por Conselho Gestor O Conselho Gestor do Fundo Nacional de Solidariedade (FNS), da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) reuniu-se no dia 21 de junho para iniciar a avaliação dos projetos sociais que receberão apoio do fundo em 2018. É a primeira fase, com 126 propostas inscritas até o dia 13 de junho, prazo final de cadastramento no site. Destinado a apoiar projetos organizados em todo o Brasil, por grupos e organizações da sociedade civil, sem fins lucrativos, ligados ou não à Igreja,

o FNS foi instituído na 36ª Assembleia Geral da CNBB, em 1998, para promover a sustentação da Ação Social da Igreja Católica no Brasil. Em sintonia com a Campanha da Fraternidade, os projetos de 2018 concordam com o tema “Fraternidade e superação da violência”. O secretário-geral da CNBB, Dom Leonardo Steiner explicou que o fundo é origina-se das ofertas do tempo da Quaresma, na Coleta Nacional de Solidariedade, que acontece todos os anos como gesto

concreto da Campanha da Fraternidade, no Domingo de Ramos. Composto por 40% de toda arrecadação da Coleta Nacional da Solidariedade, realizada em todas as dioceses, paróquias e comunidades no Domingo de Ramos, o FNS assume o compromisso social, como importante instrumento para apoio a iniciativas de enfrentamento das condições de pobreza e miséria. Os outros 60% da coleta permanecem em suas dioceses de origem no Fundo Diocesano de Solidariedade (FDS).

A novidade é que em 2018, ante da grave crise que assola a Venezuela e o crescente número de refugiados que entraram especialmente no Estado de Roraima, a presidência da CNBB comunicou a decisão de destinar 40% do total da Coleta da Campanha da Fraternidade à Diocese de Roraima. “No momento nós vamos aguardar um pouco para que a diocese se organize e tenha projetos bem concretos para investir essa solidariedade”, afirma Dom Leonardo. Coordenador de projetos do Fundo Nacional de

Solidariedade, Franklin Queiroz, informa que os projetos recebidos pelo Conselho Gestor atendem a três eixos propostos no edital: Formação e capacitação; mobilização para a conquista e efetivação de direitos e superação de vulnerabilidade econômica e geração de renda (projetos produtivos). Além disso, outros critérios também são definidos e devem ser obedecidos. Franklin explica que a primeira fase avalia apenas 45 dos projetos inscritos que chegaram na

condição de serem avaliados pelo Conselho Gestor, com possibilidade de serem aprovados”. Ao fim da reunião, após longa análise, os membros aprovaram 30 projetos que estavam conforme o edital. Outros 6 ainda carecem de esclarecimentos. Nos dias 23/08 e 20/09 o Conselho Gestor do FNS avaliará e aprovará projetos das outras fases do edital. A relação completa dos aprovados na primeira fase estará disponível no site do fundo, até o final da semana no seguinte endereço: fns. cnbb.org.br


2º Caderno

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Arquidiocese

7

FOTOS: DIVULGAÇÃO

w DOM ANTÔNIO com o padre Edilson e as religiosas da paróquia

w IGREJA DE NOSSA SENHORA da Conceição, matriz da paróquia

Visita Pastoral de Dom Antônio em Benfica Bispo auxiliar esteve na comunidade de 12 a 17 de junho na Paróquia de Nossa Senhora da Conceição

A

Arquidiocese de Belém segue com o cronograma de visitas pastorais dos Bispos às comunidades diocesanas em 2018. Na programação de junho, Dom Antônio de Assis Ribeiro, um dos Bispos Auxiliares, esteve Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, município de Benfica, região metropolitana de Belém. A visita pastoral ocorreu de 12 a 17 de junho. O encontro com a comunidade iniciou-se com um almoço, como forma de acolhida. À tarde, Dom Antônio, acompanhado de lideranças pastorais, visitou as principais comunidades paroquiais: Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Santa Maria, São Camilo de Lélis, Nossa Senhora das Graças, São Judas, Santa Terezinha, Santo Antônio, São Francisco, Santa Rita, Santa Ana, São João Batista e São José. Dia 12, Dom Antonio abriu a visita pastoral com a celebração da Santa Missa. O segundo dia, 13, começou com visita ao Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) da Vila Santa Maria, à

Academia de Saúde, um projeto da prefeitura municipal. Depois, Dom Antônio foi a comunidades do interior ao longo da estrada Maratá: os assentamentos Maratá e Eldorado. A tarde foi reservada à vistoria nos livros de contabilidade, Batismo, matrimônio, crisma e livro tombo, seguida de um diálogo sobre a situação econômica e administrativa da paróquia. À noite, Missa festiva na Comunidade Santo Antônio, no bairro Juquiri, encerrou a agenda do dia. A reunião do Conselho Presbiteral foi o primeiro compromisso de Dom Antônio, no dia 14. À tarde, ele visitou comunidades no Murini e, à noite, concluiu a agenda com Missa na Comunidade Santa Maria. No dia 15, foi ao CRAS do Murini, dali seguindo para a escola São João Batista, depois à delegacia de polícia local, dedicando boa parte da tarde à visita a pessoas idosas e enfermas. À noite a comunidade reuniu-se para a Santa Missa na Comunidade São Francisco, de Murini, concluindo-se a agenda com reunião com o Conselho Admi-

w COMUNIDADES tiveram a oportunidade de expor suas ações

w MISSAS diárias, como na Comunidade Santo Antônio, no Juquiri

nistrativo e Econômico da paróquia. Agenda na prefeitura

municipal de Benevides foi o começo da agenda no dia 16, seguida de

um diálogo com os alunos da Escola Estadual Ruth Guimarães, en-

cerrando-se a manhã com reunião do Conselho Pastoral Paroquial (CPP). A tarde foi reservada a conversas com jovens na missão , como os catequizandos, crismandos e grupos de coroinhas. Depois foi a vez de seu encontro com a juventude. À noite, todos reuniramse em congraçamento paroquial na Missa de abertura da festividade da Comunidade São João Batista. A visita pastoral encerrou-se domingo, dia 17 de junho, quando houve o Encontro com a Juventude da Região Episcopal Menino Deus, na Paróquia Menino Deus, em Marituba. Após o diálogo, os jovens animaram-se a entrevistar Dom Antônio, uma vez que ele é o Bispo Referente para a Juventude na Arquidiocese de Belém. A família foi o tema dos últimos momentos de Dom Antônio com a Paróquia Nossa Senhora da Conceição na reunião com o Encontro de Casais com Cristo e o grupo de Catequese para adultos. A culminância da visita pastoral à paróquia foi a Santa Missa de encerramento da visita pastoral às 19h.

Um clima de serena alegria e esperança

w JOVENS receberam atenção especial em encontro com o Bispo

Concluída a visita, Dom Antônio falou da experiência na Paróquia Nossa Senhora da Conceição. "Foi uma experiência muito rica do ponto de vista social e pastoral. Socialmente percebi uma nova realidade com seus elementos positivos e fragilidades, riquezas e potencialidade". Aspectos pastorais chamaram a atenção do Bispo: "Tomei conhecimento da terceira paróquia mais antiga da Arquidiocese, criada

em 1758. A vila não se desenvolveu, como se esperava há dois séculos. Por isso, por muitos anos, o atendimento pastoral foi muito deficitário e isso ocasionou grandes perdas para a Igreja Católica. Novos bairros surgiram na comunidade e é urgente a promoção da missionariedade católica para a fundação de novas comunidades. Nós temos um forte diferencial: a vida comunitária, as pastorais, a sensibilidade social, a acolhida

dos valores culturais... temos história, nome e proposta pastoral. Devemos avançar! A vida e a animação paroquial são impulsionadas pelas Irmãs Ana Rita de Sousa Lima e Andreia Maria Cesária, pelos diácono José Narciso Filho e pelo padre Edilson Moreira da Silva. "Sente-se agora uma grande esperança para a Igreja no local. O povo está contente e sentese um clima de serena alegria e esperança pastoral", conclui Dom Antônio.


8

Em Nazaré

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

2º Caderno FOTOS: DIVULGAÇÃO

w GRANDE ALEGRIA em todos os 320 novos Guardas de Nazaré

w FAMILIARES E AMIGOS dos novos Guardas lotaram a Basílica

Guarda de Nazaré recebeu mais de 300 novos integrantes Presente a imagem peregrina de Nazaré

O

último fim de semana foi de grande alegria e emoção para 320 homens de fé que se formaram como guardas de Nossa Senhora de Nazaré, em uma celebração solene, na Basílica Santuário de Nazaré, com a presença da Imagem

Peregrina da Rainha da Amazônia. A Santa Missa foi presidida pelo padre Luiz Carlos Nunes, reitor do Santuário de Nazaré e diretor espiritual do movimento e contou com a presença de diretores e membros do grupo, além dos fa-

miliares e amigos dos novos integrantes, que lotaram a igreja. Até o mês de setembro, período em que devem cumprir algumas demandas para Círio 2018, os novos integrantes já estarão aptos a participar das atividades do movimento.

Cerco de Jericó segue até sábado, dia 30 Como forma de evangelização e preparação espiritual para o Círio 2018, a Diretoria da Festa de Nazaré está promovendo pela primeira vez o Cerco de Jericó. A programação teve início domingo, 24, e segue até sábado, 30. O Cerco de Jericó é uma campanha de sete dias de oração diante de Jesus Sacramentado.

Sua inspiração mais remota encontra-se no capítulo 6 do livro de Josué. O texto sagrado nos conta que antes de chegar à terra prometida o povo de Israel se viu diante das grandes muralhas de Jericó, que os impediam de prosseguir a caminhada. Obedecendo à voz de Deus, Josué, sucessor de Moisés e líder do povo, convidou os Isra-

elitas a orarem durante sete dias e sete noites rodeando as muralhas de Jericó, tendo à frente a Arca da Aliança, sinal da presença de Deus que caminha com seu povo. Josué e os Israelitas acreditaram na promessa divina de que no sétimo dia durante a sétima volta as muralhas cairiam e eles alcançariam a vitória, o que de fato aconteceu.

w OS NOVOS integrantes já estão aptos a participar das atividades

Juventude Zaccariana realiza Colônia de Férias Pelo segundo ano consecutivo a Juventude Zaccariana da Paróquia de Naz a r é re a l i z a r á mais uma edição da Colônia de Férias. A programação contará com atividades voltadas à socialização das crianças, como práticas religiosas, aulas de culinária, teatro, dança e muita diversão! A programação acontecerá de 02 a 13 de julho, no Centro Social de Nazaré, de 8h30 às

11h30. Podem participar crianças com idade entre quatro a 11 anos, inscritas pelos pais ou responsáveis. No ato da inscrição é necessário pagar a taxa de R$: 50 e apresentar cópia e original de RG, compro-

vante de residência e certidão de nascimento da criança. O pai ou responsável que desejar inscrever sua criança pode fazê-lo pelos telefones (91) 98519 6904 e (91) 99844 47507.


2º Caderno

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Em Nazaré

Comunidade Santo Antônio Maria Zaccaria em festa

9

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Encerramento da festividade no dia 5 de julho

N

o último fim de semana a Comunidade Santo Antônio Maria Zaccaria deu inicio à programação litúrgica da festividade em honra a seu padroeiro, com a celebração de Missa Solene, presidida pelo padre Barnabita Deogratias Muderhwa. Este ano tem como tema “Um jovem médico, Padre e Fundador aos jovens de hoje”. O sacerdote lembrou em sua homilia um

dos mais conhecidos escritos de Santo Antônio Maria Zaccaria: “É uma grande verdade que Deus fez o homem instável e querendo sempre mudar, para não ficar parado no mal e, também, para que, conseguindo um bem, não fique parado só nele, mas passe para outro maior e, desse, para outro maior ainda e, assim, crescendo degrau por degrau, chegue à perfeição.” (10202), por

isso orientou que todos os fiéis não fiquem parados e busquem através de sua humanidade subir os degraus e se aproximar mais de Deus, assim alcançando a perfeição. Venha participar da festividade. A Comunidade Santo Antônio Maria Zaccaria fica localizada na Rua Boaventura da Silva, 1796, esquina com a Travessa Nove de Janeiro. Mais informações (91) 3347 3171

w COMUNIDADE participativa em todos os momentos da festividade

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA Dia 30/06 e 1º/07, às 19h - Missas Dia 1º, 7h30 - Procissão de Santo Antônio Maria Zaccaria Trajeto: Comunidade SAMZ – Travessa Três de Maio – Av. Gov. José Malcher – Vila Teta – Av. Magalhães Barata – Travessa Nove de Janeiro – Rua Boaventura da Silva Dia 5, às 19h - Missa Solene de

encerramento da festividade presidida Dom Irineu Roman, um dos Bispos Auxiliares da Arquidiocese de Belém. PROGRAMAÇÃO CULTURAL

Dia 29/06 - Nosso Tom Dia 30/06 - Banda Play 7 Dia 1º/07 - Rosângela Dia 5/07 - Karol Diva

Novos integrantes da Guarda Mirim

w NOVOS GUARDAS MIRINS ao final da cerimônia na Basílica Santuário

“Ensina a criança o caminho em que deve andar e mesmo quando for velho não se desviará dele” (Pv 22:6). Educar filhos nem sempre é uma tarefa fácil, cada fase requer uma atenção especial. Nessa caminhada, a ajuda de pessoas capacitadas é de extrema importância para a construção de um cidadão. Com o intuito de trazer os meninos para o convívio da Igreja, direcioná-los à devoção mariana e auxiliar os pais na formação social, pedagógica e espiritual, criou-se, em 2002, a Guarda Mirim de Nossa Senhora de Nazaré. No sábado, 23, o movimento recebeu 34 novos integrantes. A formatura foi marcada por uma missa na Basílica

de Nazaré, presidida pelo padre Luiz Carlos Nunes Gonçalves, reitor do Santuário. Na homilia, o sacerdote ressaltou a importância do serviço das crianças em prol do reino dos céus e orientou os pequenos a praticarem a obediência aos pais e participarem da missa aos domingos. ‘GUARDINHAS’

A formação para os novos “guardinhas” teve início no mês de fevereiro. Durante três meses aconteceu a preparação, com palestras, reuniões e espiritualidades, culminando com a entrega dos certificados, momento marcado pelo ofertório das flores a Nossa Senhora e a solicitação de sua bênção à Guarda Mirim de Nazaré.

Segundo o coordenador, Paulo Almeida, mais um ciclo de caminhada concluído com felicidade: “Este é um trabalho de doação e evangelização que fazemos mostrando os caminhos de Deus que são maravilhosos. Eles foram preparados e agora, a partir de hoje, estão ao serviço de Deus por intermédio de Nossa Senhora de Nazaré”. Hoje, o movimento conta com a presidência e a direção espiritual do padre Luiz Carlos Nunes Gonçalves, reitor da Basílica Santuário de Nazaré. Acolhendo meninos entre 5 a 17 anos de idade, a Guarda Mirim atua na Paróquia de Nazaré e também em outras comunidades durante procissões, missas e demais eventos.


10

Opinião

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

2º Caderno

Palavra de vida Chiara Lubich

“Basta-te a minha graça; pois é na fraqueza que a força se realiza plenamente”. (2Cor 12,9) Na sua segunda carta à comunidade de Corinto, na Grécia, o apóstolo Paulo se confronta com algumas pessoas que colocam em discussão a legitimidade da sua atividade apostólica, mas não se defende exibindo os próprios méritos e sucessos. Pelo contrário, ele põe em evidência a obra que Deus realizou, tanto nele como por meio dele. Paulo menciona uma experiência mística sua, de profunda relação com Deus1, mas para compartilhar logo em seguida o seu sofrimento devido a um “espinho na carne” que o atormenta.

Não explica do que se trata exatamente, mas se entende que é uma dificuldade grande quepoderia limitá-lo no seu empenho de evangelizador. Por isso – confidencia ele – pediu a Deus que o libertasse desse impedimento. Mas a resposta que recebe do próprio Deus é impactante: “Basta-te a minha graça; pois é na fraqueza que a força se realiza plenamente.” Todos nós fazemos continuamente a experiência das fragilidades físicas, psicológicas e espirituais nossas e dos outros, e vemos ao nosso redor uma humanidade muitas vezes sofredora e desnorteada. Sentimonos fracos e incapazes de

resolver essas dificuldades, ou até mesmo de enfrentá-las, limitando-nos no máximo a não fazer nada de mal a ninguém. Por outro lado, a experiência de Paulo nos abre um horizonte novo: reconhecendo e aceitando a nossa fraqueza, podemos abandonar-nos plenamente nos braços do Pai, que nos ama como somos e quer sustentarnos no nosso caminho. Com efeito,continuando essa carta, ele afirma ainda: Pois, quando sou fraco, então sou forte.2 A esse respeito, Chiara Lubich escreveu: [...]

A nossa razão se rebela diante de tal afirmação, por ver nela uma evidente contradição ou simplesmente um ousado paradoxo. No entanto, ela exprime uma das

mais altas verdades da fé cristã. Jesus nos explica essa verdade com sua vida e, principalmente, com sua morte. Quando foi que Ele concluiu a Obra que o Pai lhe confiou? Quando foi que redimiu a humanidade? Quando venceu o pecado? Foi quando morreu na cruz, aniquilado, após ter gritado: “Meu Deus, meu Deus, por que me abandonaste?”.Jesus foi mais forte justamente quando foi mais fraco. Jesus poderia ter dado origem ao novo povo de Deus apenas com a sua pregação, ou com algum milagre a mais,ou com algum gesto extraordinário.Mas não o fez. Não. Porque a Igreja é obra de Deus; e é na dor, e somente na dor, que florescem as obras de

Deus.Portanto, na nossa fraqueza, na experiência da nossa fragilidade, se oculta uma oportunidade única: experimentar a força do Cristo morto e ressuscitado.[...]3 “Basta-te a minha graça; pois é na fraqueza que a força se realiza plenamente.” É o paradoxo do Evangelho: aos mansos é prometida a terra em herança4; Maria, no Magnificat5, exalta o poder do Senhor, que pode exprimir-se totalmente e definitivamente, na história pessoal e na história da humanidade, justamente no espaço da pequenez e da total confiança na ação de Deus. Comentando essa experiência de Paulo, Chia-

ra dava ainda esta sugestão: [...] A escolha que

nós cristãos devemos fazer é absolutamente contrária àquela que normalmente as pessoas fazem. Vai-se realmente contra a correnteza, pois o ideal de vida existente no mundo consiste geralmente no sucesso, no poder, no prestígio... Paulo, pelo contrário, nos diz que é preciso gloriar-se das fraquezas. [...] Confiemos em Deus – Ele atuará sobre a nossa fraqueza, sobre o nosso nada. E quando é Ele que age podemos estar certos de que realiza obras que valem, que irradiam um bem durável e satisfazem às verdadeiras necessidades dos indivíduos e da coletividade.6 Letizia Magri

Evangelização no Terceiro Milênio Maria Elisa Bessa de Castro

N

o Antigo Testamento, o registro do que ficou conhecido como O Cerco de Jericó está contido no Livro de Josué 6,1-19. O autor sagrado relata a conquista da cidade de Jericó pelo povo israelita, o qual cumpriu rigorosamente as prescrições dadas por Deus, por meio de Josué. Em suma, tratar-se-ia de um grande clamor de oração e rituais sagrados a realizar-se durante sete dias: nos primeiros seis dias seria dada uma volta por dia ao redor das muralhas que guarneciam a cidade de Jericó, em uma marcha que teria à frente a Arca da Aliança, seguida de sete sacerdotes tocando sete trombetas e os guerreiros; e , no sétimo dia, a marcha daria sete voltas ao redor das referidas muralhas, e quando “quando

o som da trombeta for mais forte e ouvirdes a sua voz, todo o povo soltará um grande clamor e a muralha da cidade desabará”(Josué 6, 5).E,

assim aconteceu... as muralhas caíram. A exegese desse relato bíblico da história do povo judeu pode ser aplicada a nós, filhos do Novo Testamento, como um sinal da Vitória que por Deus nos é dada ante a oração incessante. Eis que no século XXI do nascimento de Nosso Salvador, a Polônia (que então vivia sob o jugo do governo ditatorial comunista) preparava-se para receber o seu ilustre filho Karol Wojtila, eleito Sumo Pontífice em 1978, Papa João Paulo II. Os meses que prece-

As muralhas vão cair deram a visita foram de muita tensão. É sabido que o dirigente soviético à época, Leonid Brejnev, ligou para o governo da Polônia e ordenou que a visita fosse recusada. Mas quis Nosso Senhor que aquela visita histórica acontecesse. Conta-se que em08 de maio de 1979, na cidade da Cracóvia (uma das que seriam visitadas pelo Papa João Paulo II), o povo católico decidiu organizar práticas de piedade: procissões, novenas...Eis que em locução interior, em sede de revelação particular, Nossa Senhora do Rosário orientou uma piedosa mulher polonesa a organizar um momento forte de oração mariana em preparação à visita papal. A preparação contou com o reforço de um Congresso sobre o Rosário, realizado em Jazna Gora. Foram sete dias e seis noites consecutivos de recitação do Santo Rosário diante do Santíssimo Sacramento. A esse profundo momento de clamor orante chamou-se CERCO DE

JERICÓ.

E assim, o Papa da Misericórdia visitaria a Polônia durante oito dias do mês de junho de 1980, um tempo de intenso júbilo para o povo daquele país. Com uma indizível felicidade, o povo polonês recebeu o Papa João Paulo II com o refrão

“queremos Deus”,

ao que ele respondia

DIVULGAÇÃO

w O SANTÍSSIMO Sacramento

com a voz confiante do Pastor: “vocês preci-

sam ser fortes com a força que vem da fé” e “não é preciso ter medo, as fronteiras têm de ser abertas”.A visita em-

blemática seria o marco do início da queda do comunismo na Polônia. As muralhas literalmente caíram... A forte experiência de oração do povo polonês atravessou fronteiras e oceanos e é hoje uma prática de piedade católica, utilizada na Igreja do mundo inteiro.O “Cerco de Jericó”, vivido contemporaneamente por nós (povo católico), é um tempo forte da graça de Deus, baseado na saga de Josué na conquista de Jericó e na experiência orante do povo polonês.

Consiste, pois, em uma semana “incessante de batalha espiritual”, com a intensificação de orações comunitárias, diante do Santíssimo Sacramento, nomeadamente a oração do Santo Rosário e, no coração, a Missa Diária. É sugerível que se faça uma boa confissão. Recomenda-se, também, a quem é possível, fazer jejum. Belém está vivendo um tempo forte da graça de Deus com o CERCO DE JERICÓ, na Capela Bom Pastor (Centro Social “Nossa Senhora de Nazaré”) em intenção comunitária da realização do Círio 2018 (que seja um Santo Círio, com muitos frutos espirituais, muitas graças e bênçãos), o que não exclui as intenções particulares de cada fiel. Or-

ganizado pela Diretoria do Círio 2018, o clamor de oração incessante iniciou-se às 12h do dia 24 de junho e finalizará às 12h do dia 30 de junho de 2018, com Missa diária sempre às 20h. Os sete dias de ininterrupta Adoração à Hóstia Santa, com a recitação do Santo Rosário, tem a participação de todas as comunidades de vida da Arquidiocese de Belém, bem como de alguns Movimentos e Pastorais, a saber: Comunidade Mar a dentro, Comunidade Kerigma, Comunidade Sementes do Verbo, Comunidade Luz da Vida, Comunidade Nova Aliança, Comunidade Maíra, Comunidade Doce Mãe de Deus, Comunidade Belém de Jesus, Comunidade Theotokos, Comunidade Restauração, Comunidade Obra de Maria, Comunidade Semeando com Maria, Comunidade Casa da Juventude (CAJU), Comunidade Canção Nova, Comunidade Yeshua, Rainha da Paz, Grupo Terço dos Homens, Apostolado da Oração, Pastoral Familiar, Paróquia Nossa Senhora de Loreto, Renovação Carismática Católica, Grupo Sementes da Miseri-

córdia, Guarda de Nossa Senhora de Nazaré, Grupo de Oração Jesus Salva-me, Equipes de Nossa Senhora, Guarda de São Pedro e São Paulo, Toninho e Rosinha, Ministros Extraordinários da comunhão Eucaristica, Grupo Leigas de Paula Frassinetti e Diretoria do Círio. Estou vivendo essa profunda experiência diária de Adoração a Nosso Senhor Jesus Cristo, presença real na Hóstia Santa, na companhia da Mamãe do Céu, com a recitação do Santo Rosário. A cada momento passado aos pés do Amado, sinto o céu se abrir, fazendo descer sobre nós uma torrente de luz, formando como que uma redoma mística na Capela Bom Pastor. Uma verdadeira dádiva. Um tempo de céu. Creio firmemente que inúmeras graças nos serão dadas e, comunitariamente falando, teremos um Santo Círio 2018. Muito obrigada, Dom Alberto Taveira Corrêa, Diretoria do Círio e Padres Barnabitas, por tão belo e profundo presente espiritual concedido a nós (povo católico de Belém) com este Cerco de Jericó. Que Jesus Cristo e Nossa Senhora de Nazaré os abençoem profusamente e os protejam de todo mal. As muralhas vão cair...

Movimento Apostólico da Divina Misercórdia Adoradores Eucarísticos da Igreja das Mercês bessadecastroadv@gmail.com

PRÓXIMO ARTIGO: Prof. Ricardino Lassadier


2º Caderno

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Festividade 11

Começa a festividade de Nossa Senhora da Graça

FOTOS: LUIZ ESTUMANO

Abertura será na Missa Solene de domingo, 1º de julho, às 19h

A

Catedral de Belém convida a comunidade para a festividade de Nossa Senhora da Graça. As prévias da programação iniciam sábado, 30 de junho, e a abertura oficial será no domingo, 1º de julho, às 19h, por ocasião da Missa da Solenidade de São Pedro e São Paulo, dia em que também será encerrada a programação de festejos pelos 400 anos da criação da Paróquia Nossa Senhora da Graça. As celebrações para Nossa Senhora da Graça iniciam com o jantar da festividade no sábado, 30 de junho, às 20h, com animação musical dos artistas Beto e Nil. É promoção da Catedral Metropolitana de Belém e a participação é mediante aquisição de cartela individual na secretaria da igreja. Para obter mais informação, basta ligar para (91) 2121-3722, 2121-3723 e 2121-3724. A partir da segundafeira, 2, a programação já seguirá já toda dedicada à festividade deste

w IMAGEM de Nossa Senhora da Graça w ARCEBISPO Dom Alberto

ano com a programação se estendendo até o dia 9 de julho. Missa para cura e libertação é a evangelização do dia iniciando com o Terço Mariano às 18h30, sob responsabilidade do Setor São Pedro e São José, e às 19h as Novas Comunidades animam a Missa Solene com bênção do Santíssimo Sacramento. Haverá tríduo também durante a programação e terça-feira, 3 de julho, será o primeiro tríduo às 18h com

w CURA DA SÉ Cônego Roberto

Terço Mariano recitado pelo Setor Nossa Senhora da Graça. Depois, o tríduo começa às 18h30 com a Ladainha de Nossa Senhora, encerrando-se com a Missa Solene às 19h. O segundo dia do tríduo é na quarta-feira, 4, com Terço Mariano recitado pela Legião de Maria às 18h, seguido do tríduo às 18h30 e Ladainha de Nossa Senhora, findando com a Missa Solene às 19h. Quinta-feira, 5, o ter-

ceiro dia do tríduo terá o Terço Mariano recitado pelo Apostolado da Oração às 18h, seguido do tríduo às 18h30 e Ladainha de Nossa Senhora, findando com a Missa Solene às 19h. A sexta-feira, dia 6 de julho, será bem especial para a comunidade, uma vez que será o aniversário de Ordenação Episcopal do Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa. Na mesma ocasião ela presidirá a Orde-

nação Presbiteral de três diáconos da Arquidiocese de Belém na Missa Solene das 19h. Antes da Ordenação, às 18h30, haverá Terço Mariano, a cargo do Setor São João. Sábado, 7, haverá Missa de Admissão às Ordens Sacras às 19h. Mas antes da celebração, a oração do Terço Mariano pelo Setor Nossa Senhora do Carmo. Domingo, 8, a Paróquia Nossa Senhora da Graça festejará outra ocasião especial: o aniversário de Ordenação Sacerdotal do cônego Roberto Cavalli,

Cura da Sé, na Missa Solene das 19h. Antes disso, às 17h30, ocorrerá a I Vésperas Solene, seguida de procissão luminosa às 18h. A Solenidade de Nossa Senhora da Graça marcará o último dia da festividade na segunda-feira, 9 de julho. A programação iniciará às 18h com a Adoração ao Santíssimo Sacramento, seguida da bênção com o Santíssimo e Te Deum às 18h30. A Santa Missa Solene de Nossa Senhora da Graça encerra a festividade às 19h.

Concurso Musical do Círio sofre alterações Arquidiocese de Belém, a Diretoria da Festividade de Nossa Senhora de Nazaré, e o Setor Juventude, informa à comunidade que o Concurso Musical Setor Juventude - Círio 2018, com o tema “Uma jovem chamada Maria”sofreu mudanças. As inscrições foram prorrogadas até o dia 20 de julho. Os candidatos ao certame consultarem alterações no edital para saber melhor como está a sua inscrição.

O concurso é direcionado a jovens, produtores e adeptos da música, presentes nas mais variadas realidades e manifestações artísticas na extensão arquidiocesana de Belém. O vencedor poderá apresentar-se no último dia do projeto Círio Musical em outubro próximo. Leia, a seguir, o comunicado do Setor Juventude: “Gostaríamos de comunicar que por motivos de força maior tivemos

que reorganizar o crono- ra. Por isso, a mudança. grama e o regulamento Participantes podem do Concurso Musical obter todos os esclareSetor Juventude”. As alterações ocorrerão devido a obras de manutenção da praça Santuário pela Prefeitura de Belém. Nesse local aconteceria a audição no dia 30 de junho. De acordo com o comunicado do Setor Juventude: “A notícia foi comunicada à Diretoria do Círio e repassada à comissão organizado-

cimentos sobre as mudanças no link:https:// drive.google.com/file/

d/14AynwoZWMvCP_ qYXBOSgffYAODqbnpJX/view


12

BELÉM, DE 29 DE JUNHO A 5 DE JULHO DE 2018

Especial Juventude

Jovens protagonistas de um mundo melhor

O

o

Vaticano prepara para outubro de 2018 o Sínodo dos Bispos, com o tema “Os jovens, a fé e o discernimento vocacional”, visando estabelecer os pilares da atividade pastoral da Igreja com os jovens, na XV Assembleia Geral Ordinária dos Bispos. Acolhendo a sugestão do Papa Francisco, o Jornal Voz de Nazaré vem destacando nesta página a atuação do Setor Juventude na Arquidiocese de Belém. Nesta edição a atuação da juventude da Comunidade Católica Kerygma, sendo que uma das quatro casas de missão do Pará fica em Belém, no bairro da Condor. FOTOS: DIVULGAÇÃO

w INTEGRANTES: comunidade de membros de aliança e de vida

w TOQUE NA IMAGEM do Crucificado, numa das programações

Comunidade Kerygma anunciando no amor e na força do Espírito Santo Comunidade de pregadores, anunciadores da Palavra de Deus

O

Papa Francisco, na Exortação Apostólica Evangelli Gaudium, pede “Uma Igreja em Saída”, que saia em missão e Evangelize. Em Belém, a Igreja em saída é vivenciada, entre outros, pelos membros da Comunidade Católica Kerygma, fundada por Gerson Pojo, na capital paraense em 1999, cujo carisma é anunciar no amor e na força do Espírito Santo. No Estado do Pará existem quatro casas de missão, sendo uma em Belém, ao lado da matriz da Paróquia de São Judas Tadeu, no bairro da Condor. Uma no município de Conceição do Araguaia, outra em Tailândia e a Casa Mãe situada no Baixo Acará, que é atualmente a sede da comunidade que integra as Novas

Comunidades. Na casa de missão em Belém, assim com nas demais casas, ocorrem os encontros, os eventos e as formações, estas com a duração de quatro anos. O período de formação é igual para os membros de vida e os de aliança. O que os difere é que os membros de vida moram na comunidade e doam a vida para missão; já os membros de aliança permanecem nas suas casas, trabalham, estudam, têm o seu compromisso fora da comunidade. Ambos possuem o compromisso de ser Kerygna, ser missionário. A palavra Kerigma é de origem grega e foi utilizada no Novo Testamento com o significado de mensagem, anunciação, proclamação. Com o propósito de pregar a Palavra, os membros da Evange-

w VISITAS AOS LARES, uma das atividades

lização vão de porta em porta, em todo e qualquer lugar, no centro, na periferia e nas áreas ribeirinhas. “Assim como o Pai me enviou, também Eu vos envio. Recebei o Espírito Santo!” (Jo 20,21). A missão de Cristo continua com o passar dos séculos, pois Ele enviou os discípulos que levaram o Evangelho a todos os cantos da terra. Segundo o fundador da comunidade Kerygma,

Gerson Pojo, o anúncio da Palavra chega aos que padecem pela falta de amor e de Deus: “A Comunidade Kerygma é uma comunidade de pregadores, de evangelizadores, de anunciadores da Palavra de Deus. Nós anunciamos Jesus ao mundo, Ele que é a salvação de toda a humanidade. Nossa forma mais peculiar de evangelizar é visitando as famílias, as casas, batendo de porta em porta para falar

de Jesus, em todos os locais em que temos casas, por exemplo, em Belém, no bairro da Condor, com muita insegurança, mas a gente precisa visitar. Como mudar o mundo sem visitar aquele que está padecendo por falta de amor, por falta de Deus? Então, a gente anuncia Jesus de porta em porta”. As visitas ocorrem diariamente ou aos finais de semana e contam com um ‘verdadeiro exército’ de missionários, sejam eles idosos ou jovens, estes a grande maioria. Para Gerson Pojo, os jovens são os maiores missionários que a Igreja possui. “Nós confiamos muito na ju-

ventude, para evangelizar de casa em casa e nas ações evangelizadoras. É muito bom o trabalho da juventude na comunidade, eu confio muito neles e espero muito em Deus, que o Senhor mande mais e mais jovens para a comunidade, porque eu confio muito na missionariedade da juventude. Eu vejo hoje os jovens como a maior força missionária da Igreja e tenho certeza de que, com os jovens tendo experiência pessoal com Jesus, quanto mais eles conhecerem Jesus mais o mundo será transformado por essa força imensa que o jovem tem de evangelizar”.

SERVIÇO Os interessados em conhecer o carisma e iniciar uma caminhada na comunidade podem procurar, pela manhã ou à tarde, a Casa da Comunidade Católica Kerygma, que fica ao lado da Matriz da Paróquia de São Judas Tadeu, no bairro da Condor. Todas são bem-vindos, independente da idade.

CURADOS PARA AMAR O Curados para Amar é um dos eventos promovidos pela Comunidade Católica Kerygma, uma programação que conta com louvor, pregação, adoração, Kerygma ki-

ds e Santa Missa. No domingo, 1º de julho, ocorre mais uma edição do Curados para Amar, com o tema “Família celeiro de amor”, com programação das 8h às 18h, no Salão

paroquial da Paróquia de São Judas Tadeu, localizado na Avenida Alcindo Cacela, no bairro da Condor. O evento objetiva levar as pessoas a uma profunda experiência

pessoal do amor de Deus e, a partir dessa experiência pessoal, a cura de todo o seu ser. “Essa cura acontece em todos os aspectos, tanto humano como espiritual. Com isso

vem a restauração das famílias do relacionamento como um todo, tudo através do Espírito Santo”, destacou Rose Alves, membro de vida da comunidade. O fundador da Co-

munidade Católica Kerygma, Gerson Pojo, realiza pregação sobre o tema do evento. As inscrições podem ser feitas na casa da comunidade. Informações: 98156-1222.

Voz de Nazaré  

Edição de 29 de junho a 5 de julho de 2018

Voz de Nazaré  

Edição de 29 de junho a 5 de julho de 2018

Advertisement