Page 1

ANO XIV - Nº 41

SÃO VICENTE

FEVEREIRO DE 2014

Usuário de cartão transporte já é atendido na Área Continental de SV

N

o final da segunda quinzena de janeiro, a Cooperlotação abriu uma loja para atender aos usuários com produtos e serviços na Área Continental da Cidade. Instalada numa sala na subsede da entidade no Jardim Rio Branco, a loja atende a população com cadastro e comercialização de créditos para cartão do Sistema Único de Transportes (SUT), que funciona nas lotações do município. Página 3

Concurso

Na nova unidade o usuário é atendido com conforto, em ambiente climatizado

Vencedoras do concurso de redação “Porque eu amo a Primeira Cidade do Brasil” são premiadas – Página 6

Cooperlotação lança novo site Página 5

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

1

Dr. João Guilherme Pereira fala sobre a liminar que suspendeu a licitação de transporte público para funcionários da Prefeitura de São Vicente Página 2 11/02/2014, 19:38


PÁGINA

2

FEVEREIRO DE 2014

Artigo

Liminar suspende licitação de transporte público para funcionários da Prefeitura de São Vicente Por Dr. João Guilherme

N

o dia 16 de janeiro de 2014 às 16h50, o Juiz da Vara da Fazenda Pública de São Vicente deferiu liminar em meu favor, na Ação Popular promovida contra a Prefeitura de São Vicente. Há fortes indícios de que (...) a autoridade administrativa (...) deixando de apresentar justificativa para a contratação dos serviços (...). A gravidade desta omissão (...) é potencializada pela presença de sinais de superfaturamento

EXPEDIENTE

O Pregão Presencial 152/14 (uma modalidade de licitação) do dia 17 de janeiro de 2014, foi suspenso depois que o Juiz da Vara da Fazenda Pública da Cidade deferiu liminar onde, acolhendo minha fundamentação como advogado, entendeu que “Os documentos acostados à inicial conferem verossimilhança à argumentação do autor popular. Há fortes indícios de que, na fase preparatória do pregão impugnado, a autoridade administrativa não observou o disposto no artigo 3º, inciso I, da Lei 10.520/02, deixando de apresentar justificativa para a contratação dos serviços descritos em item 1. A gravidade desta omissão, aliás, é potencializada pela presença de sinais de superfaturamento do objeto do certame”. Este é um trecho da sentença que pode ser acessado na íntegra pelo site http://www.tjsp.jus.br/ - Proc. 000030827.2014.8.26.0590 – Comarca de São Vicente. Esta foi uma Ação Popular intentada por mim, como cidadão vicentino, e não pelo departamento jurídico da Cooperlotação. Para que entenda melhor, explico que agi com meu colega de trabalho Dr. Bruno Moreno. Juntos fizemos uma ampla pesquisa jurídica e verificamos que não havia legitimidade da cooperativa em propor alguma medida. Aliás, nenhum outro haveria legitimidade, salvo aqueles que estivessem participando do ato licitatório. Neste caso, a Cooperlotação não fazia parte do certame licitatório, assim, preocupados com a repercussão que

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

2

• O autor é advogado e responsável pelo jurídico da Cooperlotação isso poderia causar na sociedade de forma geral, entendemos que juridicamente a única saída seria uma Ação Popular ingressada em meu nome. Os aspectos técnicos e legais foram bem expostos, o que levou ao Ministério Público dar parecer favorável e o Juiz conceder a Liminar. Até o momento não temos notícias de tentativa para cassar a liminar – que é um direito que assiste a qualquer parte recorrer da decisão. Isso denota que, pelo menos no momento, somente após uma sentença é que teremos uma decisão definitiva, mas até lá, não poderá haver licitação para transportes de funcionários. Há grande especulação sobre possível licitação do Transporte Público Municipal, em tese não existe impedimento para que a Prefeitura faça nova licitação. Contudo, é preciso estar atento às regras da Lei de Licitação, que são claras, quero dizer a cada modalidade em específico.

O Cooperlotação Notícias é uma publicação bimestral da Cooperlotação - Cooperativa de Trabalho e Serviços do Transporte Rodoviário Alternativo de Passageiros. Rua Frei Gaspar, 2.959 - CEP 11340-000 - Parque São Vicente - São Vicente-SP - Tel.: (13) 3469-2211 - Email: comunicacao@cooperlotacao.com.br - Site: www.cooperlotacao.com.br Presidente: Anderson da Silva - Vice-presidente: José Cesar Soares Pinto - Diretor Financeiro: Renato Nicolussi Lima - Departamento Jurídico: João Guilherme Impressão: Diário do Litoral - Tiragem : 10.000 exemplares - Jornalista Responsável: Flávia Souza - MTb 33.130 - Diagramação: Luiz Vicente Filho - Tel.: (13) 99103-3654

11/02/2014, 19:38


PÁGINA

FEVEREIRO DE 2014

3

Expansão

Cartão transporte já pode ser adquirido na Área Continental

A

Cooperlotação abriu a sua segunda loja para comercialização de cartões do Sistema Único de Transportes (SUT), que funcionam nas lotações da cidade. Localizada na Área Continental de São Vicente, a nova unidade possibilita ao usuário adquirir cartão comum, fazer recarga de créditos, além de cadastro e recadastro para cartão escolar. Solicitação de segunda via de cartão comum, empresa ou escolar também pode ser feita no local. Em ambiente climatizado, o atendimento é feito numa ampla sala na subsede da Cooperlotação. Além de ar condicionado, o local também possui confortáveis cadeiras para que o usuário possa esperar com comodidade pela chamada da sua senha. “Com a abertura deste espaço, descentralizamos os nossos serviços. Agora aqueles que moram ou trabalham na Área Continental não precisam mais ir até o Centro da Cidade para ser atendido. É uma segunda opção de atendimento, que proporciona mais comodidade aos usuários”, disse o presidente da cooperativa, Anderson da Silva. Ele completou explicando que aten-

A nova unidade possibilita ao usuário adquirir cartão comum, fazer recarga de créditos, além de cadastro e recadastro para cartão escolar

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

3

Na loja do Jardim Rio Branco, o atendimento ao usuário é feito com conforto, em ambiente climatizado dendo nas duas áreas (insular e continental), irá diminuir visivelmente as filas e o tempo de espera no atendimento na loja que a cooperativa mantém no Centro, no VipX Shopping Popular. A loja funciona de segunda à sexta, das 8 às 16 horas. A subsede da cooperativa fica na Rua Gilberto Esteves Martins, 1128 – atrás da Caixa Econômica Federal. Além dos serviços oferecidos na

11/02/2014, 19:38

loja, a entidade ainda conta com uma máquina de validação de créditos no bairro. Atualmente, apenas usuários de cartão empresa podem utilizar o serviço, que fica no interior do Auto Posto BR, na Avenida Deputado Ulisses Guimarães, 1321 – em frente ao supermercado Mini Preço. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (13) 3469.2211 ou pelo email suporte@cooperlotacao. com.br.


PÁGINA

4

FEVEREIRO DE 2014

SUT

Cooperativa tem ampla rede de autoatendimento

A

Cooperlotação possui, além das lojas do Centro e da Área Continental de São Vicente, outros oito postos de autoatendiOito postos de autoatendimento estão mento espalhados instalados em pontos estratégicos da Cidade em pontos estratégicos da Cidade. Neles, o usuário pode validar sozinho os créditos para seu cartão empresa do Sistema Único de Transportes (SUT). A entidade realizou o processo de implantação desses postos, denominados DGs 830, no último trimestre do ano passado. Os bairros Cidade Náutica, Náutica 3, Jockey Club, Centro, Vila Margarida e Jardim Rio Branco são os beneficiados com os equipamentos. A diretoria da cooperativa informa que em curto prazo não há planos para instalação de novas DGs na cidade. O próximo passo é levar o acesso à aquisição de créditos para a Internet, onde qualquer usuário poderá comprar vale transportes sem sair da sua casa. Além de validar os créditos, as DGs também informam o saldo atualizado no cartão do usuário. “Esses equipamentos contribuem para agilizar e melhorar o atendimento aos usuários, proporcionando-lhes mais autonomia e conforto no processo”, enfatizou o diretor financeiro da Cooperlotação, Renato Nicolussi Lima.

Saiba onde encontrar uma DG • Cidade Náutica – Supermercado Almeida Rocha – Rua Guilherme Raposo de Almeida, 373 • Náutica 3 – Supermercado Novo Sucesso - Rua Professor Antonio Pedro de Jesus, 788 • Jockey Clube – Padaria Adriana – Praça Matteo Bei, 157 • Centro – Vip X Shopping Popular – Rua Frei Gaspar com Praça Barão do Rio Branco • Centro – Lanchonete Ilha de São Vicente – Praça Coronel Lopes, 426 • Centro – Banco do Povo – Avenida Presidente Wilson, 1126 (próximo à Fortec) • Jardim Rio Branco – Auto Posto BR – Avenida Deputado Ulisses Guimarães, 1321

Nas DGs, o usuário pode validar sozinho os créditos para seu cartão empresa

• Vila Margarida – Supermercado Atalaia – Rua Odair Müller de Azevedo Marques, 161

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

4

11/02/2014, 19:38


PÁGINA

FEVEREIRO DE 2014

5

Produtos e Serviços

Site da Cooperlotação recebe reformulação

A

Cooperlotação colocou no ar seu novo site. A pági na, que estava funcionando de forma básica só para acesso de cooperados e empresas, tem um novo formato e oferece melhor navegação. No novo site, a mudança foi completa. O layout, que antes era pesado, ganhou um design clean. Os links de acesso para que empresas se cadas- A página ganhou um visual mais clean trem e façam suas solicitações e para que cooperados tenham controle diário do movimento das suas lotações foram mantidos. As novidades são os links de acesso às redes sociais e a inserção de notícias com fotos. “O novo projeto gráfico deixou o site mais moderno, dinâmico e abrangente, o que facilita a navegação do internauta. Ele também contribui para a atualização e produção de conteúdos cada vez mais relevantes e interessantes, tanto para nosso público quanto para nossos parceiros”, explicou Flávia Souza, jornalista responsável pelo setor de Comunicação da Cooperlotação. Para conhecer o site acesse www.cooperlotacao.com.br.

O novo projeto gráfico modernizou e dinamizou o site da entidade

Blog e fanpage complementam acesso à informação Mesmo com o site, a cooperativa não tirará do ar o blog que mantém já há quatro anos. “Nos últimos anos, o blog tem sido um forte meio de comunicação entre a entidade e o seu público. Ele nos ajuda a manter estreito nosso relacionamento com a comunidade, por meio do conhecimento e da divulgação de informações e ações úteis relacionadas ao transporte”, disse a jornalista Flávia Souza, responsável pela Comunicação da entidade. Na página do blog, com entrada pelo endereço www.cooperlotacao.blogspot.com, além de ter acesso a todas as notícias publicadas nos últimos anos, o internauta também tem acesso ao conteúdo do jornal produzido pela entidade. Ele ainda pode entrar, com facilidade, na página de fotos que a cooperativa mantém no Flickr e

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

5

aos vídeos de entrevistas e matérias sobre o transporte coletivo municipal de São Vicente, no You Tube. A entidade também mantém página no Facebook, local onde a interatividade é mais intensa. “Com conteúdos distintos dos Nas redes sociais, é mais intensa a demais meios de interatividade entre a cooperativa e seu público comunicação, a fanpage é a forma mais eficaz e direta de chegar em nosso público alvo e direcioná-los para o meio de informação adequado”, finaliza Flávia. Os interessados em conhecer e curtir a fanpage da Cooperlotação devem fazer através do endereço www.facebook.com/cooperlotacao.

11/02/2014, 19:38


PÁGINA

6

FEVEREIRO DE 2014

Concurso

Vencedoras do concurso de redação “Porque eu amo a Primeira Cidade do Brasil” são premiadas

Anderson presenteia Allanys

V

encedoras do concurso de redação “Por que eu amo a Primeira Cidade do Brasil” foram premiadas na tarde do dia 10 de fevereiro, na sede da Cooeprlotação. Estiveram presentes na cerimônia de premiação professores e familiares das alunas vencedoras. Realizado entre setembro e novembro do ano passado, o concurso foi voltado para alunos do Ensino Fundamental 2, matriculados na rede de ensino de São Vicente. Divulgado na Internet, no jornal da cooperativa e em outros meios de comunicação locais, além de folhetos que foram distribuídos pela ci-

Jessica ficou com a segunda colocação

dade, o concurso teve uma participação modesta de participantes. “Esperávamos receber um número de maior de redação, até porque o convite foi feito a várias escolas vicentinas pela rede. Infelizmente, poucas abraçaram a causa. Mas estamos satisfeitos com o resultado, porque recebemos redações muito interessantes”, disse o presidente da Cooperlotação, Anderson da Silva. Ele explica que as redações inscritas no concurso surpreenderam os diretores da entidade, pela qualidade de informação nos textos e pela técnica com que foram escri-

Nuiam é autora do terceiro melhor texto

tas. “Os alunos levantaram muito da história da Cidade, mas também enfatizaram a nossa cultura e o nosso turismo. Fazer a leitura desses textos foi como receber um banho de conhecimento, porque ali aprendemos também muita coisa que desconhecíamos sobre São Vicente”, completou Anderson. Segundo ele, outros concursos de redação serão realizados pela entidade. “O resultado foi tão significante que pretendemos repetir a ação ainda este ano, mas dessa vez faremos com uma divulgação mais intensa, na tentativa de ampliar o número de participantes”, finalizou.

Tablet, celular e máquina fotográfica são entregues às vencedoras Allanys Amorim Candido, Jessica da Costa Alcântara e Nuiam Mayra Ruiz Masumoto, foram as vencedoras do concurso “Porque eu amo a primeira cidade do Brasil”, realizado pela Cooperlotação entre os meses de setembro de novembro do ano passado. Allanys ficou com o primeiro lugar, recebendo um tablet; Jessica ficou com a segunda colocação e recebeu um celular e Nuiam, a terceira colocada, ganhou uma máquina fotográfica. A entrega da premiação aconteceu na tarde de 10 de fevereiro na sede da Cooperlotação. Allanys e Jessica, alunas da escola Marga-

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

6

rida Pinho, na Vila Margarida, foram até a cooperativa acompanhadas do diretor da escola, Silvio Gomes Bispo, além dos professores Carolina, Wilson, Rafael e Oswaldo. Josefa, a mãe da Jessica, também participou do evento. Já Nuiam, aluna do sétimo ano do colégio São Pedro, na Cidade Náutica, compareceu à entidade acompanhada pelo pai, Alexandre, pela irmã Raquel e pela avó, Maura. Para as alunas, escrever a redação despertou-as para informações que antes desconheciam. “Precisei pesquisar bastante para escrever e com isso aprendi, por exemplo,

11/02/2014, 19:38

que o monumento projetado pelo arquiteto Oscar Niemyer, instalado no alto do Ilha Porchat, tem um bico que aponta para a Capital do Brasil”, revelou Nuiam. Para Jessica, o que mais chamou a atenção foi a história das tribos indígenas que viveram em terras vicentinas e já Allanys descobriu que a Praça Ipupiara, chama-se Praça 22 de Janeiro. “É algo simples, mas que eu realmente desconhecia. Escrever essa redação me ampliou os horizontes do conhecimento sobre a cidade que nasci e cresci”, finalizou a primeira colocada do concurso.


PÁGINA

7

Parceria

Cooperlotação e Sescoop apresentam programa CooperJovem à Secretaria de Educação

N

a manhã do dia 11 de fevereiro, representantes da Cooperlotação e do Sescoop (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de São Paulo), apresentaram e proporam à Secretaria de Educação de São Vicente a inserção do Programa CooperJovem na rede municipal de ensino. A ideia é oferecer aos professores o curso “Educar na cooperação, para cooperação e o cooperativismo”, cujo conteúdo e metodologia estão alicerçados nos princípios e valores cooperativistas. Se aceito pela Seduc, o curso será dado gratuitamente para um grupo de até 35 professores da rede municipal. Serão dez módulos, com aulas presenciais de quatro horas por módulo. Ao final das aulas, previsto para dezembro deste ano, os participantes recebem certificado.

Renato, Pamela e Adriana apresentam a proposta à Maria Nilza (em pé), da Seduc

A ideia é oferecer aos professores o curso “Educar na cooperação, para cooperação e o cooperativismo” A reunião aconteceu na Seduc, com a participação de Renato Nicolussi e Flávia Souza, respectivamente diretor financeiro e jornalista da Cooperlotação; Pamela Ramos e Adriana Afonso, do Sescoop, e a Maria Nilza Nico-

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

7

lau dos Santos, chefe de gabinete da Secretaria. Maria Nilza se propôs apresentar a proposta à secretária de Educação, Creuza da Silva Calçada, e marcar uma segunda reunião com a participação das diretoras das unidades escolares.

Programa – O Cooperjovem é um programa da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), desenvolvido pelo Sescoop em âmbito estadual em parceria com as cooperativas e secretarias de educação. O objetivo do curso é despertar nos educadores e nos educandos uma consciência sobre cooperação.

11/02/2014, 19:38


PÁGINA

8

FEVEREIRO DE 2014

Benefício

Representantes da Unimed atenderam cooperados na sede da entidade Com ele é possível ser atendido na rede credenciada ao País inteiro, proporcionando segurança e conforto Durante a visita, diversos autorizatários foram cadastrados no plano, que oferece cobertura nacional e carência zero

N

o dia 16 de janeiro, representantes do plano de saúde Unimed Fesp estiveram atendendo aos cooperados na sede da Cooperlotação, no Parque São Vicente. A visita teve como objetivo cadastrar autorizatários no plano, que oferece cobertura nacional e carência zero, inclusive para partos e doenças pré-existentes para quem o contratar num prazo de até 90 dias. O benefício, conquistado por meio de parceria entre a Administradora IBBCA e a OCESP (Organização das Cooperativas do Estado de São Paulo), agrega ainda plantão médico 24 horas com auxílio por telefone; plantão aéreo quando solicitado pelo médico; e ambulância 24 horas à disposição do beneficiado. O cliente Unimed Fesp tem, ainda, remissão, no falecimento do titular, o dependente fica isento de pagamento durante três anos; auxílio funeral, com prestação do serviço de assistência funerária com reembolso de até R$ 2500,00; e cobertura total de exames, cirurgias, internações, terapias entre outros serviços. “Estamos oferecendo aos profissionais cooperados à Cooperlotação e também aos funcionários da entidade, o melhor plano de saúde do Brasil. Com ele é possível ser atendido na rede credenciada ao País inteiro, proporcionando segurança e conforto”, explica Amauri Martins, gerente comercial da IBBCA. Informações pelos telefones (11) 3060.5858 ramal 209, com Letícia Roman ou ramal 216, com Lucas Piola. Dúvidas também podem ser esclarecidas pelos e-mails: leticia.roman@ ibbca.com.br ou lucas.piola@ibbca.com.br.

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

8

11/02/2014, 19:38


PÁGINA

FEVEREIRO DE 2014

9

Cooperativismo

Colaboradores do Sescoop visitam Cooperlotação

N

a tarde do dia 10 de fevereiro, os diretores da Cooperlotação receberam a visita de representantes do Sescoop (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo). Rita de Cássia, Janaina e Raquel compareceram à sede da cooperativa para discutir o planejamento das atividades para 2014. Várias ações foram programadas para acontecer a partir de março, por meio de parceria entre a Cooperlotação e o Sescoop Várias ações foram programadas para acontecer a partir de março, por meio de parceria entre a Cooperlotação e o Sescoop. Diversos cursos para quem atua no sistema de transporte municipal coletivo de São Vi-

Rita, Janaina e Raquel discutiram com os diretores da cooperativa o planejamento para 2014 cente devem acontecer a partir do segundo trimestre, além de atividades que envolvem toda a comunidade vicentina. “A cooperativa dará mais um passo para se aproximar da população da cidade e faremos isso com a orientação e participação de um dos melhores

órgãos do setor, o Sescoop. São ações que nos ajudarão a crescer como cooperados e cidadãos e o melhor é que essas atividades serão, em sua maioria, abertas também aos usuários do transporte feito por lotações”, disse o presidente da Cooperlotação, Anderson da Silva.

Cooperlotação vai homenagear usuárias no Dia Internacional da Mulher No próximo mês, a Cooperlotação irá homenagear as usuárias do transporte coletivo municipal de São Vicente, em celebração ao Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março. Flores serão entregues durante o dia àquelas que forem até a loja da cooperativa no VipX shopping Popular, que fica

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

9

11/02/2014, 19:38

na confluência da Rua Frei Gaspar com a Praça Barão do Rio Branco, no Centro. “Vamos aproveitar a data para presentear as nossas usuárias. Será um gesto simples, mas realizado com muito carinho”, disse o presidente da entidade, Anderson da Silva.


PÁGINA

10

FEVEREIRO DE 2014

Renovação

Cooperativa altera logomarca 2014 começou com mais uma nova mudança. A alteração do logotipo da entidade. Os tradicionais dois pinheiros envoltos no círculo, foram estilizados, resultando numa imagem mais moderna e clara. “Estamos tentando acompanhar as mudanças que o próprio tempo nos impõe. Precisávamos de um logotipo mais leve e impactante e acredito que esse corresponde às nossas expectativas”, explicou Anderson da Silva, presidente da entidade. Em outubro passado, o logotipo passou por uma segunda alteração e foi utilizado pela entidade como teste. “Aquele logotipo não pegou, era muito próximo do antigo, mas ainda estava muito pesado. O atual tem um design que corresponde aos novos tempos”, completa o presidente. Criado pelo técnico de informática da cooperativa, Daniel Barbosa Martins, a única alteração de cores do novo logotipo ficou nas setas. Antes elas eram em nuances de azul. A cor celeste foi mantida em uma das setas na tentativa teste do logo, ao lado do

branco na outra seta. Já no logotipo finalizado, as setas são utilizadas num degradê de amarelo à verde. “Utilizamos todas as cores do cooperativismo e, pela primeira vez, seguimos com fidelidade ao símbolo universal da categoria com todas as suas cores: verde e amarelo”, explica Daniel. História - Desde que foi fundada, a Cooperlotação adotou um logotipo próprio do cooperativismo, os dois pinheiros envoltos num círculo. Para caracterizá-lo como do transporte coletivo municipal de São Vicente, foram usadas as duas setas. A mesma logomarca foi utilizada pela entidade ao longo dos últimos 15 anos. Com a atual diretoria, que assumiu a cooperativa em março do ano passado, a palavra renovação foi a ordem da equipe. Diversas mudanças foram realizadas no sistema, alterações que beneficiaram tanto ao usuário quanto ao autorizatário. “Era hora de implantarmos mudanças também na nossa área gráfica”, finalizou o presidente da entidade.

Conheça os símbolos Pinheiros: Símbolo da imortalidade e da fecundidade, pela sua sobrevivência em terras menos férteis e pela facilidade na sua multiplicação. Os pinheiros unidos são mais resistentes e ressaltam a força e a capacidade de expansão.

Círculo: Representa a eternidade, pois não tem horizonte final, nem começo, nem fim.

Verde: Lembra as árvores - princípio vital da natureza e a necessidade de se manter o equilíbrio com o meioambiente. Amarelo: Simboliza o sol, fonte permanente de energia e calor.

Setas: Representa o ir e vir dos carros do transporte coletivo e dos passageiros pela cidade.

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

10

11/02/2014, 19:38


PÁGINA

FEVEREIRO DE 2014

11

Clipping

Cooperlotação rebate denúncia do jornal A Tribuna

N

o dia 17 de janeiro, o jornal A Tribuna publicou uma matéria intitulada “Servidores de São Vicente ficam sem vale transporte”. No texto, o informativo dizia que os funcionários públicos da cidade estavam há 16 dias sem receber vale transporte e dava a entender que este problema era um erro da Cooperlotação. A administração pública errou com seus funcionários e indiretamente tentou apontar a Cooperlotação por seu erro Como o jornalista Matheus Müller, que apurou as informações e assinou a matéria, não conseguiu falar com nenhum dos diretores da cooperativa, deixou a palavra final com a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Vicente (Sindiserv), Mara Valéria Giangiulio. Ela afirmou ter conversado com o secretário municipal de Fazenda, Walter Rodrigues Gonçalves, e este disse ter pago o vale, fazendo com que o leitor concluísse que a cooperativa havia recebido os valores do vale, mas não havia liberado os créditos. A ideia de que o atraso era por conta da cooperativa é reforçada com a foto de uma lotação em destaque acima do texto. O ruído provocado pelo desencon-

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

11

O jornal se retratou com a Cooperlotação ao publicar uma nova matéria sobre o assunto

tro de informações, fez com que o leitor pudesse se achar na razão para divulgar e compartilhar mais uma crítica negativa contra o transporte público municipal vicentino. Uma crítica causada por inverdades concluídas com base no que não foi dito por parte da direção da cooperativa. Como um jornal sério, A Tribuna corrigiu sua falha e, no dia seguinte, publicou outra matéria falando sobre o assunto. Dessa vez, o título era “Vale transporte é pago aos servidores de SV”. Já no primeiro parágrafo o leitor descobre que a prefeitura fez o pagamento à entidade, mas esse pagamento foi feito com 15 dias de atraso da

11/02/2014, 19:38

data comum de recebimento do servidor. Ou seja, a administração pública errou com seus funcionários e indiretamente tentou apontar a Cooperlotação por seu erro. Segundo João Guilherme Pereira, advogado da cooperativa, o provável motivo para o atraso no pagamento seria a licitação do transporte público municipal – que teria seu pregão no dia 17 de janeiro, data em que foi publicada a matéria denúncia do jornal A Tribuna. Pregão esse que foi suspenso por determinação judicial. Leia mais sobre o pregão na página 2 desta edição do Cooperlotação Notícias.


PĂ GINA

12

cooperlotacaofevereiro2014pags.pmd

FEVEREIRO DE 2014

12

11/02/2014, 19:38

Cooperlotação Notícias - fev 2014  

Informativo da Cooperativa das Lotações -São Vicente - SP- Brasil

Advertisement