Page 1

PROGRAMA

SAÚDE DO HOMEM 2012

Prevenção + Check-up + Exames + Cuidados específicos +Câncer de Próstata + Anemia Falciforme


Prevenir

é o melhor remédio A prevenção de doenças é o melhor caminho para uma vida mais saudável e duradoura. Os homens, na maioria dos casos são menos preocupados com saúde do que as mulheres. Muitos são tão displicentes que só procuram um médico quando já estão em estágio avançado da doença. De acordo com texto publicado pelo Ministério da Saúde referente à Política Nacional de atenção Integral à Saúde do Homem, vários estudos comparativos entre homens e mulheres têm comprovado o fato de que os homens são mais vulneráveis às doenças, sobretudo às enfermidades graves e crônicas, e que morrem mais precocemente que as mulheres. Isso acontece, porque os homens de uma maneira geral, não buscam os serviços de atenção primária.

Vale ressaltar que quanto mais cedo a pessoa for tratada, maior a possibilidade de recuperação e menores serão as consequências. Exercícios físicos e hábitos saudáveis, como se alimentar bem, ter uma boa noite de sono e evitar o estresse também são ótimas maneiras de se combater o aparecimento de doenças.

A importância do Check-up O que a medicina atual preconiza em termos de prevenção das doenças é o chamado “check-up personalizado”. Este procedimento médico tem como objetivo detectar doenças antes que elas se manifestem clinicamente, ou seja, enquanto o indivíduo não apresenta nenhum sintoma. No “check-up personalizado” o médico solicita exames mediante criteriosa e prévia triagem baseada em evidências que o paciente descreve através de seu histórico clínico, antecedentes familiares (doenças que acometeram os pais, irmãos, tios), o seu modo de vida e os sintomas que eventualmente apresente. Também é levado em conta: idade, peso e altura, além da avaliação da gordura corporal.

Aproveite todas as fases de sua vida,

cuide-se!

Para cada fase especialistas indicam

exames e cuidados específicos

Antes dos 20 anos – Crescendo e aprendendo Na adolescência, a crença na invulnerabilidade é exacerbada, deixando os jovens propensos a doenças evitáveis, que podem ser contraídas por meio do uso abusivo de álcool e drogas, seja para se autoafirmarem ou para se sentirem importantes perante a sociedade. Até esta idade não é necessário se preocupar com exames específicos, já que doenças graves não costumam aparecer nesta época. Especialistas afirmam que somente exames de rotina, como sangue e urina são recomendáveis, a não ser em histórico familiar de doenças como as cardiovasculares e a obesidade.

Dos 20 aos 30 anos – Diversão com precaução Nesta fase é preciso dar mais importância aos exames que detectam doenças sexualmente transmissíveis, como HIV e hepatite B. Geralmente é nesta década que o jovem atinge a atividade sexual plena. A partir dos 20 também já é necessário prestar atenção ao câncer de testículo. Não há uma maneira de prevenir esse câncer, e por isso o autoexame é sempre recomendado. Havendo aumento visível ou dor em um dos testículos é aconselhável que se procure um médico.


Dos 30 aos 40 anos – Sinal de alerta Aos 30 anos o cérebro do homem está em plena atividade. Mais de 1 milhão de neurônios já foram perdidos, no entanto não fazem falta. Para evitar problemas futuros,ler é o melhor exercício para a memória. Especialistas afirmam que o álcool pode difilcultar a oxigenação do cérebro, portanto não se deve abusar das bebidas alcóolicas. É também nesta fase que o corpo do homem começa a passar por uma série de mudanças, graças a alterações na produção de hormônios. Por isso, recomenda-se o exame para verificar os níveis de colesterol no sangue e testes ergométricos uma vez ao ano para as pessoas obesas, hipertensas e diabéticas. A glicose em excesso pode provocar diabetes, e se detectada a tempo pode ser tratada. Esse é o momento de se fazer um simples teste de açúcar no sangue e evitar futuras complicações. Lembrando que atividades físicas reduzem muito a possibilidade dessa doença evoluir.

Após 50 anos – Todo cuidado é pouco Quase 50.000 neurônios são perdidos por dia nessa fase. Estima-se que entre 50 e 85 anos o peso do cérebro é reduzido em 20%, e por causa disso uma quantidade significativa de homens apresentam sintomas de depressão. Recomenda-se a ingestão de alimentos ricos em vitamina B6 e E, além de atividades físicas relaxantes e meditação. A partir desta faixa etária a preocupação deve ser maior ainda com a hipertensão, o colesterol e o câncer de próstata. Fazer exames para diagnosticar esses problemas torna-se uma obrigação anual. Além desses exames, deve ser realizado o teste de função hepática, que identifica possíveis problemas no fígado. Cuidados com a saúde oral também são importantes, pois as cáries e bactérias presentes na boca podem ocasionar problemas cardíacos.

Dos 40 aos 50 – Atenção redobrada Ao alcançar essa idade todos os homens devem ficar atentos ao CÂNCER DE PRÓSTATA. Caso haja histórico familiar desta doença, o homem deve se submeter a uma bateria de exames todos os anos. Os mais importantes para detectar esse câncer são: PSA (sangue), toque e ultrassom. Além dos exames, é importante ficar atento a alguns sinais da doença, como dificuldade e ardência na hora de urinar, dores na lombar e presença de sangue na urina. Outro cuidado que se deve ter neste momento é com a pressão arterial. Caso seja diagnosticada a hipertensão, cuidados com alimentação deverão ser tomados, pois esta doença pode acarretar acidente vascular cerebral (AVC), insuficiência renal ou até mesmo enfarte do miocárdio.

O Ministério da Saúde adverte: A cada três mortes de pessoas adultas, duas são de homens. Eles vivem, em média, sete anos menos do que as mulheres e têm mais doenças do coração, câncer, diabetes, colesterol e pressão arterial mais elevadas.

Anemia Falciforme: Conheça melhor esse mal que atinge parte da população Essa doença altera o formato das hemácias, que passam de arredondadas a rígidas em forma de foice. Isso dificulta sua circulação pelos vasos e bloqueia o fluxo de sangue, causando anemia crônica. A melhor forma de detectá-la é através do teste do pezinho, quando a criança nasce ou é diagnosticada clinicamente por causa de uma anemia. Hereditária e genética, a Anemia Falciforme é predominante em negros, mas também pode se desenvolver em brancos. O tratamento é feito na intenção de prevenir infecções, diminuir a dor e manter a oxigenação adequada nos tecidos, já que ainda não se conhece a cura de fato. Medicamentos e transfusão de sangue são usados para este controle, mas esses pacientes estão sujeitos aos riscos de uma transfusão crônica e à sobrecarga de ferro no sangue.

“Recentemente uma boa notícia foi divulgada para os portadores desta doença. A Sociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea incluiu a Anemia Falciforme entre as doenças que tem indicação de transplante, o que para muitos especialistas pode prolongar a vida destes pacientes.”


Fique de olho!

Câncer de Próstata Exame: vergonha ou preconceito? A próstata é uma glândula que só o homem possui. Localiza-se na parte inferior do abdômen, logo abaixo da bexiga e à frente do reto. Ela é responsável por produzir parte do sêmen, líquido espesso que contém os espermatozóides, liberado durante o ato sexual. Diversas doenças podem atingir a próstata, tais como hipertrofia benigna (aumento do tamanho da glândula), prostatite (inflamação) e câncer. De acordo com informações do INCA (Instituto Nacional do Câncer), no Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). Em valores absolutos, é o sexto tipo mais comum no mundo e o mais prevalente do sexo masculino, representando cerca de 10% do total de cânceres. Mais do que qualquer outro, este câncer se promove na terceira idade. Estima-se que três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos.

A Prevenção

como aliada da saúde

60.180 novos casos

Segundo uma pesquisa realizada pela Sociedade Brasileira de Urologia, o descaso é tão grande, que 50% dos homens que procuram urologistas, fizeram isso pela pressão de seus familiares. Esse descaso pode ser considerado algo cultural, uma vez que as famílias não se preocupam em informar e educar seus filhos, para que façam exames periódicos e previnam possíveis doenças.

Uma dieta rica em fibras, frutas, cereais integrais e com menos gordura, ajuda a diminuir o risco não só do câncer como de outras doenças crônicas. Além de cuidados com a alimentação, é importante que a partir dos 50 anos o homem faça exames anualmente. O fato é que muitos só procuram o médico quando a doença já se manifestou.

Adote hábitos simples que podem melhorar sua qualidade de vida Alimentos do bem

Durma melhor

Segundo o Instituto Nacional do Câncer, em 2010, foram registrados 12.778 mortes decorrentes deste mal. Para o Brasil, no ano de 2012, estimam-se 60.180 casos novos de câncer da próstata. Esses valores correspondem a um risco estimado de 62 casos novos a cada 100 mil homens.

Muito se fala em alimentação saudável para se obter qualidade de vida, e agora, mais do que nunca foi comprovada a interferência dos alimentos na prevenção do câncer.

Ingerir alimentos saudáveis pode prolongar a vida e evitar doenças.

Uma boa noite sono repõe todas as suas energias.

Pratique Exercícios

Atividades físicas ativam a circulação, revigoram o corpo e fornecem energia.

Beba água

A água é fundamental para o bom funcionamento do organismo.

Divirta-se!

Está comprovado que dar risadas é uma excelente terapia para o estresse e a ansiedade.


re fundo branco, é a forma te deve ser o ponto de partida para

m branco, qualquer que seja o

dos fundos lisos e claros, até uma

arca não possa ou não deva (por

m branco, qualquer que seja o

A GSC/GSAM - Gerência de Saúde e Assistência Médica está a disposição para mais esclarecimentos Sugerimos que a leitura deste material seja compartilhada com sua família e amigos

Saúde do Homem  

Cartilha virtual sobre a Saúde do Homem elaborada para a BR Distribuidora.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you