Issuu on Google+

Untitled-1

1

15/02/11

16:31

Revista Artkasa ano i n. 3 out 2011

Mostra Artkasa 2011 C

M

CM

MY

CMY

K

ano i - n. 3 - out 2011

CY

REVISTA ARTKASA

Y

28 ambientes para rever o passado e pensar no futuro

A cara do futuro O designer Hans Donner cria peças magníficas inspirado no amor pelo Brasil

Vontade de fazer as coisas O empresário Ricardo Abreu fala sobre o gosto pelos negócios e pela decoração


boa-0253-11 an rev artkasa 410x275.indd 1


15/09/11 14:40


editorial

Publicação do Grupo Artkasa.

Chegamos a mais uma edição da revista e dedicamos grande parte dela aos arquitetos que fizeram da Mostra Artkasa 2011, um grande sucesso em ambientes que aliaram beleza com preservação, harmonia com inovação e criatividade com sustentabilidade. Tivemos a honra de receber o designer Hans Donner, eterna fonte de inspiração para muitos profissionais, agora também de decoração, já que Hans resolveu

Diretor Comercial - Flávio Monte Diretora Estratégica - Sovania Monte

materializar um sonho de muitos anos, em móveis

Diretor Administrativo - Rafael Monte

brilhantes. Espaços aconchegantes são mostrados

Diretora Executiva - Danielle Monte

nas páginas da revista, na escolha a dedo de dois profissionais. Contamos ainda com a participação de

www.artkasa.com.br sac@artkasa.com.br

Ricardo Abreu, empresário que abriu as portas da sua

@artkasa

casa, algo raro de se ver, pela característica reclusa

55 84 3222-4910

de Ricardo. Ficamos muito felizes! O chef brasiliense Kaká Silva nos presenteia com informações sobre a nova roupagem dos alimentos pela Gastronomia Mo-

publicação editada pela firenzze comunicação estratégica (84) 2010-6306 / (84) 2010-6307

lecular e o hipismo, esporte muito elegante e cada

www.firenzze.com

vez mais apreciado pela sociedade, estampa o estilo

Direção de criação Paulo Moreira

de vida desta edição. O nosso passeio desta vez é na

EDIção e redação Helouise Melo

África do Sul, em um roteiro bem interessante de Abdon Gosson, com muita cultura e diversão. Tenha uma ótima leitura!

Dúvidas e sugestões: marketing@artkasa.com.br Comercial

Flávio e Sovania Monte

Orion Comunicação e MArketing (84) 9115-8506 / 9115-5149


36

Fรกbio Farias

Alex Fernandes

SUMรRIO

82

52


Divulgação

34 10. Objetos de Desejo - Back to Black

63

12. Estilo de Vida 16. Capa 22. Decoração

Divulgação / Arituba Turismo

31. Supra Sumo 34. Objetos de Desejo - Casual 36. Entrevista 42. Gastronomia 48. Saúde & Beleza 52. Moda 56. Turismo 63. Mostra Artkasa 2011 95. Mostra Artkasa 2011 - Social

Nossa Capa

56

O designer Hans Donner foi clicado pelo fotógrafo Alex Fernandes, com exclusividade para a matéria de capa da revista Artkasa.


Nova coleção da Adroaldo Tapetes do Mundo, tão exclusiva que você só vai ter o prazer de ver em nossas lojas.

Av. Hermes da Fonseca, 744 - Tirol www.adroaldo.com.br Fortaleza

|

João Pessoa

|

Recife


oBjetoS de deSejo -

BaCk to BlaCk

02

Divulgação

01

Divulgação

03

10

. outubro . 2011


Divulgação

04

06

Divulgação

Divulgação

05

01. Bourgie black - Kartell 02. Pop Duo - Kartell 03. Rosenthal - Versace 04. Magic Hole - Kartell 05. Super Impossible - Kartell 06. Moon Salade Bowl - Kartell

Outubro . 2011 .

11


Werneck Lima de Carvalho

12

. Outubro . 2011

Foto: Alex Fernandes

E S T Ă? LO DE V IDA


Bom desempenho para a vida

U

m Torneio de Cavalaria, em abril de 1641, marcou a realização da primeira competição hípica brasileira, em Mauricéia, onde hoje está Recife. A iniciativa foi do príncipe holandês, João Maurício de

Nassau. A partir daí, cavalgadas e torneios esportivos entre fazendeiros e aristocratas se tornaram comuns no eixo Rio-São Paulo, transformando-se, em meados do século XIX, em corridas disputadas oficialmente.

Outubro . 2011 .

13


O hipismo é a arte de montar a cavalo, sendo mui-

res e começo a expor essa ideia com as crianças

to apreciado hoje pelos amantes de todas as prá-

iniciantes nas aulas”, diz o professor, que sempre

ticas desportivas que envolvam este animal, que

busca trabalhar o equilíbrio com os alunos para se

chama a atenção pelo porte elegante e expres-

concentrarem e lidarem melhor com o cavalo.

são de força e resistência demonstrado em com-

Werneck Lima de Carvalho, nove anos, pratica o

petições. Os benefícios pessoais da prática são a

esporte desde os três. Ele se interessou pelo hi-

melhora da auto-estima, obtenção de calma, mais

pismo ao ver um amigo montando e, desde en-

atitude, equilíbrio, coordenação motora, fortaleci-

tão, adora cavalos, já tendo participado de alguns

mento muscular, concentração, além do “tornar-se

campeonatos com o “violeiro”. Já a iniciante Maria

mais humano”, de acordo com o professor Emil-

Clara Costa, de sete anos, começou o hipismo com

son Cirilo, que há 10 anos dá aulas no Aero Clube

quatro e já demonstra segurança com o pônei “ba-

do RN. Atleta há 12 anos, Cirilo já coleciona várias

tatinha”. Ela adora galopar, gosta de tudo relacio-

medalhas em competições Brasil afora: “Para mim,

nado a cavalos e não vê a hora de treinar com

o mais encantador no hipismo é o trabalho com

eles pra valer em competições. Para o instrutor da

as pessoas para que se tornem cidadãos melho-

escola de equitação do Centro Hípico Jiqui e vice

14

. Outubro . 2011


presidente da Federação Norteriograndense de Hipismo, Flávio Rafael Mendes Veloso, o esporte

Alex Fernandes

Maria Clara Costa

equilibra muito a psique humana, pois, na prática, o ganhar e o perder são metáforas de representação da vida: “No auge, na vitória, surge o riso, e nas derrotas, o desgosto diante das inevitáveis perdas. O hipismo é surpreendente em criar este gancho metafórico que faz crianças e adultos mais fortes, ensinando-os a passar bem em qualquer situação. Os benefícios vêm com a superação dos obstáculos e a melhora do desempenho. Equitação é aprender a dialogar com o animal sem uma palavra sequer. De certa forma, o cavalo é o grande professor da história e nós, instrutores, somos os mediadores deste dialogo”.

Outubro . 2011 .

15


16

. Outubro . 2011

Alex Fernandes

CAPA


Dimensões de brasilidade

Q

uase como um trono. Assim, Hans Donner define a sua poltrona Brasil, onde aqueles que se sentam são colocados numa postura de reis e rainhas. Homenagem do

designer ao país que o acolheu tão bem, em formas de cores, traços e conforto que remetem a um sentimento de orgulho dos brasileiros pela bandeira. “Nos 500 anos do Brasil, coloquei o país como centro do mundo. Com essa poltrona, o brasileiro não se curva para a ideia de que tudo o que vem de fora é melhor”, revela Hans Donner, que nasceu com um

“Eu me entrego de um jeito que parece que estou sendo empurrado pelo destino”

estilo de design remetente ao futuro. A experiência de anos na Rede Globo propiciou a criação de formas que embelezaram aberturas de novelas, e vinhetas em computação gráfica foram produzidas em momentos de liberdade na utilização do tempo e espaço. E tudo isto foi levado para a concepção dos móveis, idealizados há vinte anos, trazendo um lado mágico já revelado pelo trabalho na telinha. No decorrer dos anos, Hans foi se envolvendo com projetos de brasilidade, começou a brincar com as co-

Outubro . 2011 .

17


CAPA

Alex Fernandes

“Não sou um homem que fica manipulando as máquinas”.

res da bandeira, e passou a aplicar este conceito em peças de mobiliário, como cadeiras, poltronas e mesas em fibra, todas com a cara do futuro: “A minha busca é para descobrir até que ponto esses móveis têm aceitação no mercado, ou seja, se o Brasil está pronto para assumir a brasilidade que pulsa no meu sangue, provavelmente muito mais intenso do que na maioria dos brasileiros”, diz o designer que não pensa no futuro, por mais que seu trabalho tenha a cara de um novo milênio: “A linguagem futurista sempre fez parte da minha fascinação pelo design, não busco isso”. Para Hans Donner, o design fica percriar apenas pela forma, especialmente quando o assunto são objetos que têm que ser usados. “Não

18

. Outubro . 2011

Divulgação

feito quando a função é perfeita e considera egoísta


Alex Fernandes

Divulgação

iria me sentir feliz se alguém sentasse, por exemplo, na cadeira que eu projetei e se sentir incomodado”. Hans não sabe explicar como surge a maioria das suas ideias e diz ser instruído e levado pelo destino, numa constante busca pela realização do trabalho, que é a sua vida. Para ele, a tecnologia não é tudo para uma criação perfeita, mas uma maravilhosa ferramenta, por mais que não seja utilizada por Hans, que sempre ficou do “lado humano” do design: “Eu gosto do papel, de conceber, de ser instrumento, e não perder tempo na execução. Sou sortudo, pois sempre tive pessoas talentosas ao meu alcance para transformarem meus desenhos em realidade”. Hans Donner acorda com ideias bonitas, coloca-as no papel e motiva pessoas para concretizarem os seus sonhos junto com ele. E o designer não planeja tudo isso e sim, busca, todos os dias, aumentar o seu raio de comunicação com o mundo, fazendo coisas que lhe dão prazer. “Se eu vou chegar lá? Eu não sei”. Essa é a sua maneira de viver.

Outubro . 2011 .

19


Untitled-1 1

19/09/11 15:22


15:22


decoração

Neutro aconchegante FOTOS: ALEX FERNANDES

A

arquiteta Marília Bezerra desenvolveu o projeto em destaque para um jovem casal com dois filhos que desejavam uma casa

elegante e espaçosa, mas sem deixar de lado o toque aconchegante. Os tons predominantes foram o branco, off white e bege, escolhidos a partir dos mármores e paredes que serviram como base para a colocação de móveis em tons de bege e madeira. Na decoração, foram utilizadas peças clássicas e rústicas, incorporadas e

22

. Outubro . 2011


Outubro . 2011 .

23


decoração

mescladas ao design contemporâneo. O objetivo foi promover a integração total dos ambientes ao tornar o espaço agradável pelo emprego de tons neutros, valorizando, assim, o mobiliário escolhido.

24

. Outubro . 2011


Outubro . 2011 .

25


decoração

Para acolher corpo e alma FOTOS: Alex Fernandes

O

requinte da mesa amadeirada harmoniza-se com a classe e a neutralidade das cadeiras, destacando o pendente e arandelas em cristal. No estar,

a elegância dos sofás e poltronas combinados com o lacato na mesa de centro e no rack, imprimem um tom de modernidade acentuado pelos adornos Artkasa. Já na varanda, o clima descontraído com o uso de fibras e madeira é um convite para uma boa conversa entre amigos. As arquitetas Mirtha Vargas e Régia Nobre pensaram em uma arquitetura contemporânea

26

. Outubro . 2011


Outubro . 2011 .

27


decoração

para o projeto em destaque, atemporal e equilibrado, utilizando peças modernas, rústicas e clássicas, disposição que resultou em um espaço confortável e acolhedor. As profissionais prezam a funcionalidade acima de qualquer coisa, evitando os excessos e buscando a satisfação dos clientes: “Pretendemos ser reconhecidas como profissionais sérias e comprometidas com os interesses dos clientes, com o objetivo de sempre atender suas expectativas, para transformar sonhos em realidade”.

28

. Outubro . 2011


Outubro . 2011 .

29


supra sumo

“Saccaro é sinonimo de qualidade e design e a poltrona Sant’Andrea resgata o conceito da palhinha presente nos nossos móveis coloniais. Peça linda, Ricardo Junqueira

que pode ser usada tanto numa varanda, como

escolheram o supra sumo em móveis Artkasa. Inspire-se!

Divulgação

lgumas arquitetas da cidade

Alex Fernandes

A

numa sala. É certeza de aconchego” – Gracita Lopes.

Maurício Cuca

“Optamos pela linha Duna, da Saccaro, com design limpo e harmônico. O detalhe sutil da peça remete às nossas dunas. Até parece que foi feita para

Alex Fernandes

nossa cidade! Destacamos essa

to em laca com vidro, design de linhas retas e contemporâneas, que proporciona leveza e sofisticação a uma sala de jantar, se adequando a praticamente qualquer ambiente. Uma peça que, devido a sua elegância, dificilmente sairá de moda” – Joyce Stela.

linha também pela versatilidade de uso, através da composição dos módulos, além da possibilidade de inserí-los em ambientes internos e externos, com o mesmo charme” - Lorena Galvão e Helena Cortez.

Divulgação

“A mesa de jantar Paris possui um fino acabamen-

Outubro . 2011 .

31


• PROFISSIONAIS QUALIFICADOS • INSTRUMENTOS ESTERILIZADOS POR PROCESSO DE AUTOLAVAGEM • MATERIAL DESCARTÁVEL • PHOTO RED - LASER PARA CICATRIZAÇÃO DE FERIMENTOS • AMBIENTE ACOLHEDOR E RELAXANTE • PRODUTOS QUE ACOMPANHAM TENDÊNCIAS

ENTRE EM CONTATO E AGENDE O SEU HORÁRIO! (84) 3221-5775 AV. RODRIGUES ALVES, 597 - PETRÓPOLIS

FIRENZZE.COM

PÉS E MÃOS SAUDÁVEIS ENQUANTO VOCÊ RELAXA...


Ob j e t o s d e d e s e j o -

C A S UAL

02

Divulgação

Divulgação

01

Divulgação

03

34

. Outubro . 2011


Divulgação

04

05

01. Poltrona Arraia - Saccaro 02. Luminária Paris - Saccaro 03. Sofá Ayty - Saccaro 04. Tatame - MAC 05. Banqueta Onix - MAC 06. Puff - MAC

oãçagluviD

Outubro . 2011 .

35

Divulgação

Divulgação

Divulgação

06


entrevista

Cativado pelo negócio FOTOS: ALEX FERNANDES

R

icardo Abreu “atirou pra muitos lados”, antes de se tornar um empresário de sucesso no ramo imobiliário. Chegou a possuir bares, restaurantes e revenda de automóveis, tudo pela vontade de fazer as coisas, de ser um empreendedor, mas nunca foi algo que lhe desse

prazer. Hoje, o diretor da Brasil Brokers Abreu se mostra satisfeito com o que conquistou à frente da empresa, que deixou de ser local, para se tornar sócio do maior grupo de consultoria e intermediação imobiliária da América Latina. Nesta entrevista concedida à revista Artkasa, Ricardo fala de mercado e, por que não, de um lado que poucos conhecem: o da vida em família.

A carreira Entrei nesse ramo através do meu pai, que tinha uma empresa focada na venda de loteamentos. Mas ainda não sabia se queria fazer aquilo na vida. Fui ficando, gostando, montei meu negócio e fui crescendo. O negócio que me cativou e não o contrário. Para mim, ninguém nasce pra trabalhar em determinado ramo e, sim, trabalha-se com afinco para conseguir chegar aonde se quer. Quando entrei para a Brasil Brokers, preferi ter menos de um negócio gigante a 100% de um negócio pequeno. Não foi uma escolha fácil, pois tive poucas pessoas pra conversar sobre o assunto, mas é preciso se garantir na opinião pessoal. O dia a dia é de tomar decisões. A empresa no ano passado vendeu mais de 68 mil imóveis e faturou mais de R$ 16 bilhões. Então eu, que comecei num escritório pequeno na Avenida Rio Branco e que hoje é acionista de uma empresa líder de mercado no Brasil, acho que escolhi certo.

36

. Outubro . 2011


“Ninguém nasce pra trabalhar em determinado ramo e, sim, trabalha-se com afinco para conseguir chegar aonde se quer”.

Outubro . 2011 .

37


entrevista

O mercado Antes eu dizia que, se o mercado imobiliário de Natal fosse uma criancinha, seria um embrião. Hoje, eu digo que é um recém nascido porque o brasileiro ainda mora muito mal e começou a ter acesso a crédito de cinco anos pra cá, pra comprar um imóvel em longo prazo, o que acontece no mundo todo há 20 anos. Existem, para o segmento de baixa renda, vários programas que oferecem uma melhoria enorme, onde as pessoas vão migrar muitas vezes de favelas e habitações rudimentares, para outras mais dignas. E existe, também, a classe média, que vai querer morar em apartamentos mais arejados, modernos, dentro do padrão de vida hoje que ela tem. Por isso, eu acho que uma população de 190 milhões de habitantes ainda tem muita coisa pra fazer, haja vista também que o Brasil tem um déficit de mais de 22 milhões de moradias, pelo crescimento populacional e habitações inapropriadas.

A presidência na CDL Natal Entrei na Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal pra passar dois anos e acabei ficando cinco. A coisa mais certa quando se entra pra ser presidente de algo é saber que se tem que parar um dia. Conheço muita gente que entra nesse negócio, começa a gostar, todo mundo começa a elogiar demais e, quando a pessoa pensa em voltar pra empresa dele, a concorrência, que é muito eficaz em todos os ramos, já tomou conta do segmento e o empresário ficou a ver navios. A minha experiência na CDL Natal foi muito boa, conheci muita gente. Adquirir conhecimento e construir relações profissionais é importante pra qualquer pessoa. É o que a gente leva disso tudo.

38

. Outubro . 2011

“Não quero ter na minha casa o que todo mundo está usando”.


Lazer Adoro futebol, torço pro Flamengo e ABC em Natal, e gosto muito de assistir esportes na TV. Trabalho muitas vezes nos finais de semana, mas, depois disso, me dedico a ir ao cinema e restaurantes com a minha mulher, Cristiane, e as minhas filhas. Também gostamos muito de viajar juntos. São momentos de descontração, de pouco celular e muita família. Tem gente que viaja pra seis países ao mesmo tempo, já eu, gosto de passar mais tempo em um país só, porque não sei quando vou voltar. Assim, aproveito e conheço bem o lugar.

A casa perfeita É aquela que você se sente bem e feliz. Nós sempre fomos muito básicos e reclusos, então, gostamos de tudo o que não chama muito a atenção e que seja simples. Preferimos comprar móveis apenas uma vez, coisas boas que sabemos que vão durar. Gostamos muito de decoração, de visitar lojas e exposições. São hábitos que nos dão prazer. Gostamos de pesquisar e comprar as coisas de casa pontualmente, pois, é preciso ter intimidade com o que se quer pra dentro de casa. E, se percebermos algo no ambiente de que não gostamos, tiramos no outro dia, pois é ruim conviver com isso. Queremos nossa casa com identidade, para que ela não seja igual a nenhuma outra. Não queremos ter na nossa casa o que todo mundo está usando. Está todo mundo usando? Nunca vamos comprar. De uma moda que vem e vai preferimos uma que fique pro resto da vida.

Outubro . 2011 .

39


iNForme PuBliCitÁrio

emoldure diFereNte em miNutoS!

o

s momentos vividos podem ser valorizados e preservados de uma maneira criativa. a moldura minuto privilegia uma montagem diferente e inovadora de objetos, quadros, gravuras e tudo o mais que o cliente deseja ter emoldurado em seu ambiente.

a empresa oferece uma verdadeira consultoria em molduras variadas e Paisagens em molduras pretas, sendo duas chanfradas com acabamento fosco, e a outra trabalhada com acabamento em alto brilho.

Quadros com pôsteres temáticos em moldura caixa preta laqueada.

exclusivas com o propósito de escolher a peça mais adequada para cada espaço, utilizando a mais alta tecnologia em todas as fases do processo.

Quadros com pôsteres temáticos de artistas em diferentes montagens e molduras.

Quadro com coleção de carrinhos. Podem ser utilizadas até 100 peças, em diversas cores e tamanhos.

40

. outubro . 2011

Quadros com gravuras em preto e branco, com passepartout em espelho e moldura laqueada com acabamento em alto brilho.

moldura minuto shopping Cidade Jardim funcionamento: segunda a sábado das 9h às 21h e domingos, das 14h às 20h.


Gastronomia

Mais sentido aos pratos

M

isturar ingredientes, saber o tempo certo para cada preparo, sentir o aroma dos alimentos sendo cuidadosamente aprontados, seguindo à risca uma

das receitas destacadas no caderninho que serve básicas são passadas de geração a geração, sempre com o incremento de uma nova iguaria ou a

Divulgação

como guia para aventuras gastronômicas. Técnicas

substituição de uma já existente, para que surjam outros sabores e sensações. Entender os mecanismos envolvidos nas transformações dos ingredientes durante o cozimento melhora as técnicas já utilizadas e, como consequência, os pratos, que ganham uma nova roupagem. O chef Kaká Silva e os seus experimentos em gastronomia molecular são a cara deste estudo. Kaká é brasiliense e a Le Cordon Bleu, na Inglaterra, foi o local escolhido para a formação em culinária francesa, em 1995. As aplicações profissionais em gastronomia molecular acontecem desde 2007, numa tentativa, já promissora, de desenvolverno-

42

. Outubro . 2011

Caprese molecular


Tiago Lima

Outubro . 2011 .

43


Gastronomia

Polvo no Sous-vide com salsa verde, linguine de pupunha e gota de azeite

Modo de Preparo Lave o polvo com bastante sal e use uma escova para tirar todo o limo. Seque, embale a vácuo e cozinhe por 8h a 68oC° no termocirculador. Tire da embalagem

1 polvo médio

e retire as ventosas. Reserve, junte o

300 ml de azeite extra virgem

basílico, orégano, hortelã, salsa, anchovas,

300 g de pupunha, de preferência, cortado

alcaparras e o suco de limão em um

como linguine

processador. Bata com azeite até atingir

Alho

uma consistência cremosa. Cuidado para

100 g de isomalte

não bater muito e ficar quente, pois o

50 g de glucose em pó

molho começará a perder a cor. Neste

50 g de água

caso, coloque uma pedrinha de gelo.

Basílico

Reserve, junte o Isomalte, a glucose e a

Orégano fresco

água em uma panela e leve ao fogo até o

Salsa

ponto de bala dura, com um aro de aço.

Alcaparras

Colete um pouco do caramelo no fundo

Hortelã

do aro e, por cima, pingue o azeite. Com

1 limão

cuidado,“colete” a gota embaixo e leve o

3 filés de anchovas

polvo a uma grelha bem quente para dar

Sal e pimenta a gosto

uma dourada. Neste meio tempo, aqueça uma frigideira com um pouco de azeite e passe a pupunha com um pouco de alho. Agora, basta montar o prato, com salsa verde ao fundo, a pupunha, o polvo e a gota de isomalte.

44

. Outubro . 2011


Divulgação

Outubro . 2011 .

45


Tiago LIma

Gastronomia

vas técnicas e receitas. Para ele, passar da culinária tradicional para a molecular foi uma tendência natural ao estilo de cozinha que havia na época e, com ela, os pratos e pensamentos construídos tiveram mais sentido: “Para mim, a gastronomia molecular é a resposta para diversas questões até então empíricas na gastronomia tradicional, pois a comida, para nós, era apenas uma referência clássica. Cientificamente sabíamos pouco em relação a todo o processo culinário”. Alimentos são interpretados em sua composição, a partir do conhecimento sobre a interação de compostos e como eles se refletem nas propriedades dos próprios alimentos. Kaká defende que a gastronomia molecular proporciona uma mudança nas texturas dos preparos ao se compreender melhor o que acontece quando se cozinha. Para ele, toda informação é uma dádiva às pessoas que, ao saberem melhor sobre uma técnica ou ingrediente, torna o melhoramento de um prato mais fácil e, em muitos casos, o oferecimento de um caráter muito mais funcional a uma receita. “A gastronomia sempre foi provocadora de sentimentos e paixões e, com o caráter molecular, podemos dar um pulo à frente, já que, com ela, desencadeamos uma gama diferente de emoções devido às mudanças na textura e apresentação de vários pra-

O chefe Kaká Silva e os seus experimentos em gastronomia

tos”, revela. O conhecimento científico sobre os alimentos amplia a liberdade no preparo e aumenta a precisão dos resultados com criatividade, invenção e inovação. Kaká não sabe dizer se a gastronomia molecular será o futuro, mas, com certeza, ela está sendo um grande avanço no que é chamado hoje de gastronomia de vanguarda.

46

. Outubro . 2011

Untit


Untitled-1 1

06/09/11 16:32


Saúde e Beleza

Em dia com o sorriso

E

xpressão de felicidade, alegria e contentamento, um belo sorriso atrai olhares e emana boas energias a quem está por perto. Pesquisas comprovam que as pessoas ob-

servam com mais frequência as áreas delimitadas entre os olhos e a boca, com especial atenção ao sorriso e seus componentes: dentes, lábios e gengiva. A genética influencia na formação correta dos dentes e sorriso, mas é importante também que os pais transmitam bons hábitos de saúde bucal diante das crianças, para que elas reproduzam. Para o cirurgião-dentista, Dickson Fonseca, uma consulta aos seis meses de idade já representa uma interação positiva entre profissional e pais. Aos dois anos, todos os dentes de leite já estão presentes e, com isso, podendo iniciar um tratamento em ortodontia preventiva, que pode ser feito até os 10 anos de idade. “Na adolescência já se pleita o sorriso do

48

. Outubro . 2011


adulto e, neste caso, mais uma vez, as consultas periódicas ao dentista representam um grande trunfo para um belo sorriso. Nesta fase, é de bom tom fazer uma avaliação estética onde se associa a oclusão, a biologia e também o sorriso. Tudo de maneira integrada”, afirma Dickson. De acordo com o profissional, os cuidados para quem já tem um sorriso bonito são os básicos em higiene bucal, para que dentes, gengiva e demais estruturas correlatas se mantenham saudáveis. No entanto, é necessário identificar qual aspecto é antiestético no sorriso para que seja feito um diagnóstico do problema. “Alguns aspectos pouco

Outubro . 2011 .

49


SaĂşde e Beleza

50

. Outubro . 2011


Divulgação

Dr. dickson fonseca

comentados podem ser importantes para a estética, como evitar hábitos parafuncionais, por exemplo, o bruxismo, apertamento, usar os dentes em substituição à tesoura, roer unhas, abrir envelopes e embalagens. Além disso, o uso de capacete e protetores de boca para esportes radicais, previne muitos dissabores, pois, estes equipamentos de proteção evitam trincas, fraturas e perda dos dentes naturais. A ingestão controlada de bebidas com alto teor de corantes, bem como o uso parcimonioso da mordida em alimentos muito duros, como alguns cereais e até gelo, também são boas dicas”, lembra Dickson, que atenta também sobre as visitas regulares ao dentista como o mais importante cuidado para a manutenção de dentes bonitos.

Outubro . 2011 .

51


Moda

LONGOS DIAS Por George Azevedo

E

squeça os cumprimentos curtíssimos e coladíssimos, a la Hervè Leger. A moda do momento pede mais conforto, sofisticação e fluidez. É a vez dos longos, longuíssimos... e não pense que essa “ordem” está somente para os vestidos. Em-

barque em calças amplas, tipo pantalonas, saias longas de todas as formas e, claro, em macacões. Tudo com uma pegada bem setentinha. Os tecidos são os mais naturais, como o linho e o algodão, porém, são permitidos os plissados. A cartela de cores é a mais variada, mas, aqui, elegemos os tons de verdes e azuis que remetem a uma linha de “balneário chique”, e nos pés, vale as rasteiras ou até mesmo os saltos plataforma com detalhes em cortiças e cordas. Importante: Se você ainda pensa que a tendência dos longos só favorece as mais longilíneas, tire isso de mente, pois os looks caem muito bem nas mais baixinhas.

Edição de Moda: George Azevedo Fotos: Fábio Farias Modelo: Bárbara Varela (Tráfego Models) Beleza: Allain Jhonnies Assistente de produção: Kassius Salviano Agradecimentos: Iate Clube de Natal, Yolla, Bain Douche, Bagatelle, Diniz Prime, BobStore e Carmen Steffens.

52

. Outubro . 2011


01 – A saia longa Iorane para Yolla é usada com regata Coven e tricot L’etage, ambos para Bagatelle. Brincos e cinto Bain Douche, e sandálias Carmen Steffens.

Outubro . 2011 .

53


Moda

02 – A saia longa Bain Douche é usada com camisa jeans BobStore e top da Lenny para Yolla. Colares e pulseiras BobStore, e sandálias Carmen Steffens.

03 – Calça de linho Faven com top Lenny para Yolla, cinto BobStore, pulseiras Bain Douche, óculos Gucci para Diniz Prime, e sandálias Carmen Steffens.

54

. Outubro . 2011


04 – Vestido longo Bain Douche usado com acessórios BobStore e sandálias Carmen Steffens.

05 – Linda e sofisticada com cardigã e calça BobStore, top Lenny para Yolla, e sandálias Carmen Steffens.

Outubro . 2011 .

55


Turismo

Modernidade, cultura e diversão Por Abdon Gosson

Fotos: Divulgação Arituba Turismo

Q

uase cinco vezes maior que a Grã-Bretanha e duas vezes maior que a França, engana-se quem pensa que a exótica África de Sul se

sobressai apenas pela dimensão do território e pela rica fauna, flora e clima tropical. O destino de viagem que teve o mais rápido crescimento do mundo e está entre o top 10 das rotas de turismo, vai bem mais além dos imperdíveis safáris. Ao experimentar a efervescência de uma indústria cultural em crescimento, o país se apresenta como grande palco de manifestações artísticas. Museus de qualidade, por exemplo, estão por toda parte. Na música, a multiplicidade de ritmos carrega sons do pop africano, soul, jazz, reggae e hip-hop. Pelas principais cidades e vilas, mercados de rua com arte africana em diferentes estilos enfeitam a paisagem, sem contar os centros comerciais que funcionam como local de lazer. O clima e a geografia favoráveis da África do Sul fazem dos esportes (inclusive os radicais) uma atração para o ano inteiro. Futebol e rúgbi são as paixões nacionais. Mas há espaço, ainda, para o tênis, críquete, golfe, saltos no maior bungee jump do mundo, surfe, rafting, escalada e trilha por gigantescos parques naturais. A Cidade do Cabo encanta, não só

56

. Outubro . 2011


Outubro . 2011 .

57


Turismo

os apaixonados, como é conhecida há anos, mas todos aqueles que amam as coisas boas da vida. É a segunda maior cidade da África do Sul e um dos dez mais procurados destinos turísticos do mundo. O estilo da cidade é colonial e traz charme para edifícios e prédios públicos. O passado contrasta com a modernidade da cidade, composta por um complexo beira-mar de shoppings, hotéis, restaurantes e outros passeios, chamado de V&A Water Front. Sun City é um luxuoso e extravagante complexo de resorts situado no coração Bushveld sul-africano,

58

. Outubro . 2011


província North-West, a 190 km de Johanesburgo e próximo ao Pilanesberg National Park. O lugar inclui hotéis com cassinos, passeios de balão e para-pente, observação de pássaros, safári, cinemas, shows e instalações para a prática de vários esportes. O palácio da cidade perdida (Palace of the Lost City) ocupa uma área de 250 mil metros² e exagera nas atrações. Inclui cachoeiras, florestas, campo de golfe com jacarés e aquários. É lá onde se encontra o único hotel 6 estrelas do mundo: “The Palace Hotel”. Kruger é o maior parque nacional da África do Sul, com 19 mil km². Um verdadeiro santuário da vida selvagem africana e o mais visitado por turistas em busca de safári. Localiza-se nas províncias de Limpopo e Mpumalanga, ao norte do país. Estabelecido

Outubro . 2011 .

59


em 1898, possui hoje excelente infraestrutura. Hipopótamos, girafas, zebras, leões, elefantes, búfalos, leopardos e guepardos podem ser observados em seu habitat natural. O Blue Train é um dos mais luxuosos trens do mundo. 5 estrelas, ele percorre al-

As 10 Coisas que Você “Tem Que Fazer” na África do Sul

gumas das paisagens mais deslumbrantes da África do Sul. Passando por cenários maravilhosos, os hós-

•Ir ao safári

pedes podem ainda saborear refeições requintadas,

•Visitar um “township” vilarejo

acompanhadas pelos melhores vinhos que o país

•Descer uma mina de ouro

tem a oferecer.

•Escalar a TableMountain •Um tour pela rota dos vinhos •Visitar The Palace/ Sun City •Visitar Robben Island •Assistir a um concerto de African Jazz •Fazer compras em Sandton, Gateway, Canal Walk ou Menlyn Shopping Centers •Saborear o Braai (churrasco) à noite, sob o céu africano

60

. Outubro . 2011


Outubro . 2011 .

63


Rose Gusm達o

Outubro . 2011 .

65

Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes


Flテ」ia Ribeiro Rocha

66

. Outubro . 2011 Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira

Fotos: Ricardo Junqueira


Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes

Ana miriam machado e janice di贸genes

Outubro . 2011 .

67


Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes

Maria Luiza Negreiros

68

. Outubro . 2011


Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira

Carol AraĂşjo, Raquel Torquato e Sabrina Amorim

Outubro . 2011 .

69


Fotos: Ricardo Junqueira

Dalliane QueIRoz

70

. Outubro . 2011 Alex Fernandes


Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira

Clテ「dia Queiroz e Denise Melo

Outubro . 2011 .

71


Ginany Gosson

72

. Outubro . 2011

Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira


Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira

Rita Albuquerque, Rosana Dias e PatrĂ­cia Borges

Outubro . 2011 .

73


Fotos: Ricardo Junqueira Alex Fernandes

Gleide Brand達o e Leila Barreira

74

. Outubro . 2011


Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes

Danusa Alvarenga e Thanmaha Bezerra

Outubro . 2011 .

75


Flテ」ia Pipolo

76

. Outubro . 2011 Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira


Isnara Gurgel

Outubro . 2011 .

77

Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira


Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes

Ana Paula Arsand e Emanuelle Melo

78

. Outubro . 2011


Nailka Saldanha

Outubro . 2011 .

79

Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira


Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira

Larissa Duarte Garcia e Jeozane Ribeiro

80

. Outubro . 2011


Vera LĂšcia Bezerra

Outubro . 2011 .

81

Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira


Adriana Melo

82

. Outubro . 2011 Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira


Renato Teles

Outubro . 2011 .

83

Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira


Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes

Bruna Gosson e Ysnara Almeida

84

. Outubro . 2011


ClaudinĂŞ Lima

Outubro . 2011 .

85

Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes


86

. Outubro . 2011

Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes

kamyla Nelson, Gabriela Caldas e Zandra Caldas


Maria Luiza Lamas

Outubro . 2011 .

87

Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira


Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes

Gladys Fernandes e Nininha Faria

88

. Outubro . 2011


Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes

Mariana Gurgel e Ludmila Azevedo

Outubro . 2011 .

89


Olga Portela

90

. Outubro . 2011 Fotos: Ricardo Junqueira

Alex Fernandes


AndrÉa Cariello

Outubro . 2011 .

91

Alex Fernandes

Fotos: Ricardo Junqueira


Fotos: Ricardo Junqueira Alex Fernandes

Catarina Ledebour e Heloisa Montenegro

92

. Outubro . 2011


Fotos: João Neto

MO S TRA ARTKA S A 2 0 1 1 - S O C IAL

01

02

03

06

05

07

94

04

08 . Outubro . 2011

01. Gabriel, Danielle, Matheus, Flávio, Sovania, Marcela e Rafael Monte 02. Renato Teles e Valeria Françolin 03. Bruno Macedo e Thayane Flor 04. Danusa Alvarenga, Thanmaha Bezerra e Gesane Marinho 05. Fernanda, Fernando, Gladys Fernandes, Glenda, Beto Dorea, Nininha Faria e Marco Rei 06. Luanda Galvão e Israel Nunes 07. Isnara Gurgel e Cláudia Roberta 08. Janice Diógenes e Ana Miriam Machado


09

12

10

11

13

16

14

17

18 14. Tasso, Ludmila Azevedo, Mariana Gurgel e Giuliano 15. Sovania, Veruska e Kacá Borges 16. Tereza, Abdon e Samara Gosson 17. Vera Lúcia Bezerra e Andréa Cariello 18. Tinesa Emereciano, Maria Luiza Lamas e Ana Augusta de Paula 19. Zelia e Paulo de Paula

19

20

09. Evanio e Solange Lira 10. Melissa Sales e Ginany Gosson 11. Rosana e Lauro Herculano 12. Nadiedja Melo e Claudinê Lima 13. Maria Luiza Lamas e Flávia Santa Rosa

Outubro . 2011 .

95


ESPAÇO GUINZA. SEU EVENTO NO LUGAR CERTO.

Há 19 anos, o Guinza Restaurante é conhecido pela culinária de nível internacional, pela excelência do atendimento e pelo ambiente sofisticado e acolhedor direcionado para um público segmentado. Agora, toda essa experiência e tradição estão a serviço do seu evento no Espaço Guinza. Seja grande ou pequeno, para lançamento de produtos, confraternizações, treinamentos corporativos, festas etc., o Espaço Guinza é o lugar perfeito para você realizar seu evento com sucesso.

VANTAGENS DO ESPAÇO GUINZA Salão principal com espaço para grandes eventos e capacidade para 300 pessoas • Charutaria, lounge, salão de buffet e sushi bar para eventos descontraídos e aconchegantes • Guinza Blue para eventos como reuniões de negócio, aniversários, casamentos, festas de 15 anos, confraternizações etc., com capacidade para 150 pessoas • Apoio da equipe técnica do Guinza no desenvolvimento e adequação do seu projeto • Infraestrutura completa com TV LCD, projetores de alta definição, internet wi-fi, microfone sem fio, fax, sistema de áudio, vídeo etc. • Serviço de manobristas • Cardápio de excelente qualidade

Via Costeira - Natal/RN 84 3084 5204 - 84 9115 8506


Untitled-1

1

15/02/11

16:31

Revista Artkasa ano i n. 3 out 2011

Mostra Artkasa 2011 C

M

CM

MY

CMY

K

ano i - n. 3 - out 2011

CY

REVISTA ARTKASA

Y

28 ambientes para rever o passado e pensar no futuro

A cara do futuro O designer Hans Donner cria peças magníficas inspirado no amor pelo Brasil

Vontade de fazer as coisas O empresário Ricardo Abreu fala sobre o gosto pelos negócios e pela decoração


Revista Artkasa - Edição 03