Page 1

Localizado na freguesia de Rio Tinto, na Quinta da Lourinha, o Parque Eco-Agrícola proposto neste projecto tem como programa transformar este espaço num ambiente comunitário, de produção, de estimulação ecológica e de

valorização ambiental. Tem também como premissas a mitigação da presença fragmentadora da linha do metro, a gestão sustentável e responsável, a integração na malha urbana, etc.

parque eco agrícola lourinha

ZONAMENT O

98.00

96.00

complexo multiusos

limite de intervenção

l mercado e cenro de interpretação ambienta

entradas para o parque

estacionamento

linha de água

escola básica

B

estádio desportivo

talhões agrícolas

92.00

F G

zona húmida zona seca

curvas de nível propostas 80.50

94.00

D parque de merendas E

linha do metro

90.00

ponto cotado

VEGETAÇÃO estrato arbóreo proposto

B

A

C

0

100.0

D

88.00

estrato arbóreo proposto para sebes

estrato arbustivo proposto estrato sub-arbustivo e de revestimento herbáceo vivaz proposto

G

86.00

prado regado e cortado para recreio activo (e eventual pastoreio )

prado médio de sequeiro em crescimento semi-controlado

E

84.00

PAVIMENTOS

pavimento em estrado de madeira de' 'pinho tratado

B

pavimento pedonal e automóvel em asfalto betuminoso 82.00 80.00 79.00 80.00

78.00

80.50

F

B

A

norte escala 1/1000

76.00 77.00

84.35

87.00

C

85.00 79.00

2011/ 2012

83.00

C Mestrado em Arquitectura Paisagista

Projecto de Espaço Público 81.00

Catarina Isabel da Silva Ferreira

Docente : Paulo Farinha Marques

1/2


parque merendas

poste de iluminação 6m

convívio comunidade recreio sombra/luz produção [pinhões ] rural

pavimento pedonal betuminoso

parque de merendas pinheiro manso estrato arbustivo estrato sub-arbustivo estrato herbáceo prado de sequeiro

‘mulch’ em micro plaquetas de madeira com traço de areia

solo existente

manutenção estrato arbóreo em crescimento controlado [fruteiras ] estrato arbustivo podas frequentes 1-2 vezes /ano estrato sub-arbustivo com crescimento controlado e adubação periódica revestimento herbáceo aparamento com moto-roçadora de fio sempre que crescerem para fora do limite proposto

sebes

Laurus nobilis (loureiro) Myrtus communis (murta) Malus domestica (macieira) Fragaria vesca (morangueiro) Lavandula angustifolia (alfazema) Hedera helix (hera) Vinca minor (pervinca-menor)

2011/ 2012

mobilidade

agricultura

Mestrado em Arquitectura Paisagista Catarina Isabel da Silva Ferreira

solo

Projecto de Espaço Público Docente : Paulo Farinha Marques

floresta

2/2

Lourinha - Eco-Produtive Park (Gondomar, Portugal)  

Master's Degree @ Landscape Architecture 2012 Faculty of Science - University of Porto

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you