Page 1

Nº2 MARÇO/2014

ABRE ASPAS 11

CIENTISTAS & JORNALISTAS

Profa. Adriane Antunes conta um pouco de suas experiências com a imprensa

8

ÁREA DE TIC EM PAUTA

Conheça a história da área de Tecnologia da Informação e Comunicação da FCA!

E MAIS: Fique sabendo! FCA 5 Anos Perfil: Enzo G. Beato Crônica: Vitamina de Amora FCA na Mídia


FIQUE SABENDO!

EXPEDIENTE O FCA Abre Aspas é uma publicação mensal da FCA UNICAMP Limeira. Março 2014 – Nº 2 Área de Comunicação FCA Textos, imagens e edição: Cristiane Kämpf Projeto gráfico: Daniel Sobottka

Colaboradores do mês: Professores Adriane Antunes, Julicristie Oliveira, Peter Schulz e Enzo Gomes Beato (TIC)

INFORMES DA DIRETORIA Foi submetida a chamada de edital da Unicamp para investimento em infraestrutura proposta para construção da Portaria Veicular da FCA. Todos os projetos necessários já foram elaborados e a obra foi orçada em aproximadamente R$ 1,9 milhões. Caso os recursos sejam concedidos, construiremos a portaria principal da Faculdade, localizada em seu endereço postal, Rua Pedro Zaccaria, 1300. Saberemos se fomos contemplados em 15/04/2014. Mais informações podem ser obtidas em http://www.unicamp.br/unicamp/sites/default/files/field/arquivo/cha mada_interna_planes-25.02.2014.pdf. Está instalado na Faculdade, provisoriamente na área de Manutenção, posto da FUNCAMP para atendimento dos funcionários daquele órgão que atuam na Faculdade: manutenção, vigilância e restaurante. O funcionário que atua no setor é o Sr. Edélcio, que terá também, a missão de orientar a Unidade em relação a processos FUNCAMP aqui realizados. Brevemente o posto deverá ser instalado em espaço exclusivo, para melhor atendimento da comunidade. Estão em andamento as adequações internas dos laboratórios com recursos da Reserva Técnica Institucional 2014 da FAPESP. Com os recursos dessa reserva técnica deverão ainda ser realizadas adequações de rede de informática e de ar-condicionado. A utilização dos recursos foi analisada e aprovada previamente pela Comissão de Pesquisa e Congregação. Foi autorizada pela Reitoria a alocação de recursos para execução do projeto de construção da Biblioteca do campus. A Biblioteca será instalada em área localizada próxima aos prédios de ensino II, podendo chegar a 2.000m2. O processo entra agora em fase de licitação do projeto, a ser desenvolvido pela empresa vencedora. Posteriormente, terá de ser feita nova licitação para contratação da construtora que executará a obra. Está em discussão na Universidade, por determinação do Conselho Universitário, a transferência da Faculdade de Tecnologia do campus I para a Cidade Universitária de Limeira, como denominamos nosso campus. Os trabalhos são presididos pela Pró-Reitoria de Desenvolvimento Universitário e contam com a participação, dentre outros, dos Diretores da FT e da FCA. Internamente, o assunto está sendo discutido por GT específico, com a finalidade de identificar as condições da Faculdade para que tal proposta se viabilize. Deverão ser consideradas nesta discussão a preservação da identidade da nossa Unidade e o atendimento de nossas necessidades de infraestrutura.

2


ENTREVISTA

Entrevista

PROF. DR. PETER SCHULZ, DIRETOR DA FCA Abre Aspas: O que não consta no seu Currículo Lattes mas que seria interessante saber?

mas como professor lembro do Jorge Cisneiros. Como estudante não sabia que teria que ser professor também para me dedicar à pesquisa no Brasil. Quando caiu a ficha tentei aprender com o Cisneiros: olhos que brilhavam quando alguém mais jovem ao seu lado aprendia algo. Com ele aprendi que não se educa punindo.

Peter Schulz: Durante alguns anos fui responsável pelo Journal Club no Insituto de Física, uma tradição de décadas: seminários informais nos quais a discussão rola solta sem preconceitos. Cada palestrante chegava a gastar dias para preparar um seminário sobre um assunto que não era sua especialidade, apenas pela curiosidade e a oportunidade de discutir sem compromisso. Não dá pra por no Lattes e é uma p e n a , n i n g u é m m a i s o rga n i za c o i s a s informalmente...

AA: Conte um pouco sobre uma dificuldade que você tem ou tenha tido durante sua vida como pesquisador.

AA: O que você espera da FCA para os próximos anos?

PS: Não curto arrependimentos, assim não me lembro de alguma dificuldade em especial que outros não tenham tido. Por outro lado, sempre gostei mais de fazer perguntas do que de respondê-las completamente, maximizando as possíveis citações. Hoje isso é um problemão.

PS: Acabamos de discutir nossa visão de futuro. Que essa visão se realize :)

AA: O que você seria se não fosse pesquisador e professor universitário?

AA: Conte um pouco sobre um professor que tenha sido importante na sua vida.

PS: Se pudesse seria cavaleiro Jedi, mas isso é impossível, infelizmente. No âmbito da realidade seria artista plástico, voltando ao dilema da adolescência: artes plásticas versus física.

PS: Tem vários e o meu orientador de mestrado e doutorado foi obviamente muito importante,

3


FCA 5 ANOS!

FCA 5 ANOS! Neste ano de 2014 a FCA completa cinco anos de existência. Perguntamos para docentes e funcionários:

Qual é, na sua opinião, a principal realização da FCA em 5 anos? Prof Cristiano Morini Há muitas questões pontuais que podem ser identificadas. No entanto, uma das mais relevantes, é a formação da cultura organizacional da FCA.Uma cultura marcada pelas decisões colegiadas, pelo clima amistoso, pela vontade de se estabelecer e ser reconhecido pela comunidade, pelas nossas especialidades. A cultura da FCA está em formação, mas já é possível apontar elementos distintivos, como o companheirismo, a colaboração, a ânsia pela internacionalização e a transversalidade.

Sueli – Biblioteca As principais conquistas foram a eleição dos diretores e a constituição da Congregação. Deve ser destacado ainda o aprendizado de todos em trabalhar em uma unidade em implantação onde dificuldades são vencidas ano a ano.

Profª Ieda Makiya A principal realização está no grupo de pessoas que a FCA conseguiu atrair, e a interação que esse meio promove. A construção de uma cultura, de que as coisas podem ser diferentes, na busca de novos caminhos e alternativas, com comportamento positivo sempre!

4


FCA 5 ANOS! Profª Adriane Antunes No meu ponto de vista a maior realização da FCA em seu pequeno tempo de existência foi a instalação dos programas de Pós-Graduação.

Prof. Luciano Alegretti Mercadante Na minha opinião, a consolidação da unidade. Isso envolve o crescimento dos cursos em termos da procura de alunos no vestibular; de reconhecimento dos cursos pela Secretaria de Educação do Estado e por outras instituições envolvidas, como outras universidades e conselhos de categoria profissional; envolve também a implantação dos cursos de pós-graduação; os projetos em parceria com a comunidade; e a qualidade das organizações estudantis. Enfim, [a principal realização neste 5 anos de existência] foi colocar a FCA em local de destaque acadêmico por várias ações.

Professora Sandra Gemma São tantas realizações importantes que fica até difícil selecionar... Nos consolidamos como uma Unidade e nos institucionalizamos. Formamos turmas de todos os cursos e obtivemos os respectivos reconhecimentos. Crescemos em termos de número de docentes, funcionários e alunos e também em infraestrutura. Fizemos muitas contribuições quanto à pesquisa, ensino e extensão. Criamos e implantamos 4 programas de pós-graduação. Mas, talvez a mais importante, seja a que formamos uma “equipe de peso” muito proativa, comprometida e competente para enfrentar os desafios de uma unidade ainda muito jovem e caminhamos cada vez mais no sentido de construir a tão desejada interdisciplinaridade! Me sinto feliz por fazer parte desta história desde o primeiro dia!

Profª Adriana Bin Não consigo identificar uma só, mas destaco: institucionalização (criação da congregação e eleição de diretor); planejamento estratégico sistemático; reforma dos cursos de gradução (especialmente gestão); infraestrutura e áreas verdes.

5


PERFIL

ENZO GOMES BEATO,

DIRETOR DE TIC DA FCA

Enzo, funcionário da Área de TIC, trabalha na Unicamp há 13 anos, adora um churrasco e é aluno da FT, onde se especializa em governança de TI. Ele começou seu trabalho na FCA em 2008, quando a faculdade tinha zero alunos, zero professores e quase zero funcionários. Saiba mais sobre um dos 'desbravadores' da FCA nesta entrevista. ABRE ASPAS: O que você gosta de fazer no seu tempo livre?

desde Legião, Capital Inicial, Lulu Santos, Kid Abelha e Zeca Baleiro, passando por U2, Simple Minds, Pearl Jam, Red Hot e os clássicos de Tim Maia, Fundo de Quintal, Bezerra da Silva e Zeca Pagodinho. Gosto de viajar com a família e amigos, sempre que é possível. Praia, montanha ou fazenda, enfim, estando com quem gosto, qualquer lugar vale a pena!

Enzo Beato: O equilíbrio entre trabalho e lazer é indispensável para a vida. Com hábitos saudáveis; cuidados com o corpo e lazer, conseguimos lidar melhor com a pressão do dia-a-dia. Vivo cercado pela família, amigos e colegas de trabalho e acredito ser necessário cultivar estas relações e ter momentos de lazer em comum, para alcançar o equilíbrio da mente e do corpo.

Procuro sempre me reunir com amigos para churrascos, almoços, jantares e festas que proporcionam momentos descontraídos e agradáveis, sempre acompanhados de boa música, comida e bebida.

Gosto de ouvir música. Sou bem eclético, ouço

6


PERFIL AA: Qual sua formação e experiência profissional anterior à FCA?

AA: Quais são suas expectativas para os próximos 4 anos da FCA?

EB: Sou formado em Análise de Sistemas, trabalhei em empresas de avicultura, guarda de documentos e transportes, sempre na área de TI. Quando prestei concurso na Unicamp fui trabalhar na FEAGRI (Faculdade de Engenharia Agrícola). Com a criação de uma nova unidade e os novos desafios na sua implementação, vi uma nova oportunidade para desenvolver meu trabalho e participar da implementação de unidade diferenciada, a FCA. Ao longo da minha carreira, fiz diversos cursos, sendo que os principais foram especialização em banco de dados orientados a objetos e rede de computadores. Atualmente estou concluindo especialização em governança de TI, na Faculdade de Tecnologia.

EB: O aumento da utilização de ferramentas online de auxílio didático é uma tendência e a Internet tem se tornado, cada vez mais, parte integrante da vida pessoal, profissional e acadêmica. Conforme cresce, na faculdade, a demanda para o uso de dispositivos conectados a rede, torna-se imprescindível a disponibilidade de uma rede de informática estável. Para atender esta necessidade estão em execução projetos para aumentar a abrangência do sinal da rede WiFi dentro e fora dos prédios de ensino, áreas de convívio e quadras.

AA: Quais são os avanços que você identifica na FCA desde que começou a trabalhar aqui? EB: Trabalho na FCA desde agosto de 2008, antes mesmo do início de suas atividades, com a entrega do prédio de Ensino I (anfiteatros, blocos I, II e III). Neste momento tínhamos somente o prédio de Ensino I pronto, mas era necessário comprar tudo(cadeiras, mesas, lousas, computadores e etc), para que a FCA estivesse em condições de funcionamento no início de 2009. Foi montado um escritório de implantação, no prédio da Reitoria e trabalhávamos contra o relógio, fazendo os editais para as compras dos materiais. Em 2009, a FCA iniciou suas atividades e novos funcionários e docentes começaram a trabalhar. Todos nós trabalhamos muito na implementação da FCA e continuamos até hoje com um grande número de atividades. Estamos em uma unidade que ficará por um bom tempo implantando novos prédios para abrigar as atividades desenvolvidas em locais provisórios e as novas atividades que serão criadas.

7


ÁREA DE TIC

Área de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) Contatos: helpdesk@fca.unicamp.br / Telefones: 3701.6664 ou 3701.6665.

A fase de planejamento e desenho da rede de informática teve início em agosto de 2008, após levantamento minucioso das necessidades daquele momento e futuras. Em 2009, com 480 alunos de graduação, 15 funcionários e 12 docentes, teve início o funcionamento das atividades no campus da FCA, sendo o projeto de rede estruturado para suportar a conexão de computadores, catracas, controle de acesso nas portas de salas de aula, telefones Voip (Voz sobre o Protocolo Internet), câmeras de segurança e pontos de acesso de Wi-Fi. O campus abriga hoje aproximadamente 2300 alunos de graduação, pós-graduação e extensão, em cursos de diversas áreas, 42 funcionários e 76 docentes. Seguindo os padrões delineados para as TIC, a rede estruturada e convergente da FCA procurou adequar-se às características únicas do campus - como, por exemplo, a estrutura administrativa enxuta e descentralizada e o projeto pedagógico multidisciplinar.

8


ÁREA DE TIC

Dicas da Área de TIC pra você! Sistema de recuperação de senha para c o n t a s d a F C A : A c e s s e http://pss.fca.unicamp.br e realize o cadastramento de 3 perguntas de segurança para recuperação de senha. Mensagens fraudulentas: Em razão de continuadas tentativas de iludir a boa fé dos usuários, esclarecemos que A ÁREA DE TIC NÃO ENVIA MENSAGENS solicitando dados pessoais, login e senha. Caso recebam alguma mensagem solicitando essas informações, despreze, pois trata-se de fraude. Caso tenham dúvidas ou necessitem de esclarecimentos adicionais, por favor contatem o helpdesk através do e-mail: helpdesk@fca.unicamp.br ou telefones: 3701.6664 ou 3701.6665. Maiores informações sobre segurança: www.security.unicamp.br

A FCA se destaca, entre outras características, pela rede de comunicação de última geração, que segue os padrões mais modernos em vigor na área de TIC. "Nossa rede é capaz de ancorar múltiplos serviços, trafegando integradamente dados e voz por IP (Protocolo Internet), empregando cabos com tecnologia gigabit ou dispositivos Wi-Fi, fornecendo conexão aos clientes com banda a/b/g/n, que pode ser acessada com notebook, tablet, smartfone ou aparelhos de telefone (ramais) com tecnologia IP sem fio", explica Enzo. Ele destaca ainda que a interligação entre os blocos dos prédios é toda em fibra ótica, permitindo que a conexão entre os equipamentos possa chegar a 40 giga bites por segundo. Atualmente, a equipe da Área de TIC da FCA é formada por cinco pessoas, responsáveis pelo apoio técnico aos docentes, funcionários, alunos e visitantes da Faculdade. Mariana, Enzo, Henry, Marcelo e Danilo mantêm em funcionamento os recursos de TIC, gerenciam a rede de dados e voz (cabeada e sem fio), elaboram projetos visando melhorias na utilização dos recursos computacionais, supervisionam a montagem de infraestrutura de rede e instalação de recursos, administram os serviços de telefonia, organizam e mantêm atualizada toda a documentação relacionada à área. "Além disso, estamos sempre buscando capacitação em novas tecnologias, para que sempre possamos oferecer serviços de vanguarda para nossos usuários. É com a ajuda deles que podemos organizar melhor nosso atendimento – seria ideal que todos utilizassem o sistema de ordem de serviço quando precisam fazer alguma solicitação ou tem algum problema a ser resolvido, pois aí conseguimos manter um histórico das demandas e atuar mais rapidamente no sentido de saná-las", informa Enzo.

9


CRÔNICA

VITAMINA DE AMORA Por Julicristie M. Oliveira As crônicas são como aquela parte do leite que não se aguenta na fervura e pula para fora da leiteira. Parece perda, mas é ganho. O que sobra é um outro leite, mais encorpado, com outro sabor. No dia em que as crônicas surgem, a vida não fica mais a mesma. Pois hoje algo ferveu de novo. Passei por uma avenida que tem um nome lindo: Amoreiras. Toda sinuosa, larga, arborizada. Infelizmente, estava de carro, a caminho de mais uma daquelas reuniões em que fala-se muito e decide-se pouco. Todos os dias tem lá sua pitadinha de desgosto. Entre a preocupação com a hora e a vontade de um passeio a pé, fiquei com o compromisso. Me contentei em olhar as árvores mesmo que de rabo de olho enquanto dirigia. Eram lindas, contudo não vi amoras. Seriam mesmo amoreiras? Lembrei-me dos dias em que peguei estas frutinhas no pé da universidade com vários colegas que jogavam vôlei. Mais recentemente, roubei uma enquanto andava num sítio em Serra Negra. Era dia de curso de formação em agricultura orgânica. Eu que já estava por demais de sobrecarregada, não poderia me negar a felicidade de fazer o curso. Aquelas coisas da vida que nos fazem ficar num lugar de paz. Fiquei pensando qual seria o gosto de uma vitamina de amora. Vitamina é um nome lindo. O cientista que cunhou o termo achou que se referia a um conjunto de aminas essenciais à vida, mas nem aminas eram. O nome se tornou mais importante que o próprio descobridor e ainda permanece nos textos científicos mesmo que impreciso. Algumas coisas permanecem, os nomes dos homens passam. Tenho a impressão que somos quase inúteis. As árvores são muito mais importantes e ficariam bem sem a presença de alguns homens de nome. As amoreiras dariam amoras e não precisariam ter a postura de protesto na avenida que as homenageia. Sim, eu acho que elas protestam. Elas protestam em alto silêncio. Era como se gritassem: “não estamos nem aqui!”. Não há amora. Qual seria o gosto da vitamina de amora? Nunca tomei.

10


CIENTISTAS E JORNALISTAS

Cientistas & Jornalistas

Professora Adriane Antunes ‘’A meu ver a imprensa tem dois grandes poderes: difusão e visibilidade. É impressionante como pessoas que você não imaginava são assinantes de determinados jornais, revistas ou estavam acompanhando determinado programa de rádio ou de TV e acabaram tendo contato com alguma notícia relacionada com ciência. Para nós professores tudo o que produzimos no campo acadêmico é interessante e temos vontade de compartilhar com todos. Mas nem tudo é simples de explicar ou simples de compreender fora da academia... Eu já recebi convites para entrevistas para revistas, jornais, sites de internet e programas ao vivo de rádio e televisão. Algumas experiências foram um pouco traumáticas. Cito alguns exemplos: a informação apareceu errada no texto escrito, meu nome ou nome da instituição de trabalho foi trocado, a reportagem não foi publicada ou não foi exibida na TV, a edição foi mal feita, entre outros. Destaco também a dificuldade para receber o feedback do jornalista com o texto para jornal ou revista para que possamos documentar no currículo. Não posso deixar de fora a questão de que os jornalistas pedem tudo para ontem e que depois de havermos gasto 2 horas no texto eles aproveitam uma linha do que escrevemos. Uma situação embaraçosa que passei por mais de uma vez foi quando fui a um programa de TV e optei por usar jaleco com logotipo da Unicamp, sendo que me foi solicitado usar jaleco do programa. Mas apesar dos contratempos já vividos, sempre procuro me mostrar disponível para entrevistas porque sinto muito prazer em divulgar ciência. E particularmente fico feliz quando sou reconhecida por alguém que conta ter lido/escutado ou visto uma entrevista da qual participei. Lembro uma vez que fui para minha cidade natal e encontrei uma vizinha que me disse: “Quando voltar ao programa sugira tal assunto”. Foi engraçado, porque as pautas dos programas não competem aos entrevistados...’’

11


FCA NA MÍDIA

A

seguir estão as principais notícias sobre a FCA que saíram em meios de comunicação locais, regionais e nacionais em março de 2014. Confiram! Gazeta de Limeira – 27/03/2014 Alunos estrangeiros apresentam países durante semana cultural http://bit.ly/1gV1B4Q G1 – 26/03/2014 Especialista vê brecha para 'censura prévia' com o Marco Civil da Internet http://glo.bo/1dIHjeC Jornal da Ciência – 25/03/2014 FCA organiza seminário internacional sobre tecnologia e inclusão social http://bit.ly/1iTk8wP Site da SBPC – 25/03/2014 Seminário Internacional sobre Tecnologia e Inclusão Social com os principais intelectuais brasileiros e estrangeiros da área http://bit.ly/1pAO6se G1 – 22/03/2014 Unicamp realiza evento internacional de tecnologia e inclusão em Limeira http://glo.bo/O9oO6x Agencia FAPESP – 17/03/2014 Agenda Seminário Tecnologia e Inclusão Social http://bit.ly/1kk9PBo Jornal de Limeira – 16/03/2014 (capa) Engenharia de Manufatura forma 1ª turma http://bit.ly/1gIunVh Jornal da Unicamp – 14/03/2014 Substituição no futebol: entra o inteligente e sai o malabarista http://bit.ly/1hW7tG6

!

Neste mês contribuíram com informações para diferentes veículos de mídia (Folha de S. Paulo, Revista Veja, TV Jornal de Limeira, G1, TV Bandeirantes) os professores: Julicristie M. Oliveira, Rafael Dias, Dennys Cintra e Ana JunqueiraVasques. No Portal da Unicamp foram cinco notícias neste mês.

12

FCA Abre Aspas Nº2 - Março 2014  
FCA Abre Aspas Nº2 - Março 2014  
Advertisement