Page 1

EXPRESSO REGIONAL 12 a 18 de junho de 2011

R$ 0,70

EM ENTREVISTA EXCLUSIVA, VEREADOR DANILO FUNKE ABRE O JOGO E FALA SOBRE O PROCESSO DE CASSAÇÃO 12

Ano VII, número 295

www.jornalexpressoregional.com.br

BRASIL OFFSHORE DEVE RECEBER MAIS DE 10 MIL PESSOAS POR DIA FEIRA, QUE ACONTECE ESTA SEMANA, ESTÁ 15% MAIOR DO QUE AS ANTERIORES, SUPERANDO EXPECTATIVAS

06

DIVULGAÇÃO AR

Bombeiros, familiares e simpatizantes do movimento concentrados na escadaria da Alerj: grito por liberdade

ANISTIA PARA OS HERÓIS KUARUP DARÁ BOAS VINDAS – Pelo quinto ano consecutivo, a Orquestra abrirá o Festival Rio das Ostras Jazz & Blues 09

Depois de muita luta e muitos protestos, a Justiça finalmente cedeu a liberdade para os bombeiros que estavam presos em Niterói. Agora uma nova batalha se inicia. Todos os militares envolvidos na invasão do Quartel General podem ser impulsos da corporação e, pior, pegar até 12 anos de prisão por motim. Portanto, além de exigir melhorias salariais para os heróis do fogo - que têm o pior salário do Brasil - sociedade fluminense se mobiliza pedindo anistia para os bombeiros que foram tratados como bandidos pelo governador Sérgio Cabral. Um projeto de lei de autoria do deputado Anthony Garotinho sugere a anistia para os militares e deve se votado em regime de urgência. No entanto, pressão política continua nos quartéis. Mas, acostumados ao perigo, bombeiros insistem em não abaixar a cabeça, em mais uma heróica demonstração de coragem. 05 WESLEI RADAVELLI

PAGAMENTO DO 13º SALÁRIO É ANTECIPADO EM QUISSAMÃ Antecipação salarial contribui até para o comércio, que poderá vender mais 11 BALTHAZAR

Forma de conduzir a crise dos bombeiros pelo governador é uma prova cabal de 02 como o poder pode cegar ROBERTO SHINYASHIKI

INCENTIVO À LEITURA — Durante as próximas duas semanas, o ônibus de leitura do Projeto Biblioteca Móvel, conduzido pela Viação Itapemirim, estará em Rio das Ostras, levando mais opções de livros 13

O mundo dos negócios convida as pessoas a deixarem os seus princípios e valores do lado de fora das salas de negociação. 02


2

Leia mais em: www.jornalexpressoregional.com.br

BALTHAZAR Arnaquinópolis 2 - A sucessão Capítulo CVI (106) Em nosso último capítulo você deve ter lido (eu espero, senão ficarei muito chateado) que em Arnaquinópolis percebeu-se, enfim, que a propaganda era a alma do negócio. Para tanto, portanto e entretanto (não sei pata que tanto tantos) Filomeno seguia em sua cruzada para melhorar a sua combalida imagem contando, é lógico, com o talento de seu ministro da comunicação "Sr. Abelha". Seguindo a mesma tendência, "Tonico Mineral" líder do parlamento de Arnaquinópolis, calejado de tanto apanhar do canal "Se pagar vai ver", resolveu homenagear todos os jornalistas mercenários, ou não, da cidade (menos este que voz escreve, mas deixa ele...). Veja o que aconteceu logo em seguida. Tonico Mineral e seu parceiro (no bom sentido) "Muniz Malandro" fizeram uma solenidade imensa. Tão grande que nem o próprio Tonico foi. Mas, vaidosos como só eles, os jornalistas foram. Só não sabia Tonico que nem só de placas e homenagens vivem os profissionais de comunicação. Assim como diria o inesquecível Mussun, eles queriam "Mé". (Talvez Tonico deveria aprender algumas lições com o inteligente Sr. Abelha). Por falar em abelha, no submundo da política a vice-princesa de Arnaquinópolis, Maricota Gracinha (também conhecida como Highlander, não sei o por quê) tramava mais uma ressurreição. Para tanto ela começava a "abelhar" acordos políticos. Ora com o parlamentar "Calvanháquio Cláreo" e seu anencéfalo pupilo, o parlamentar "Dr. Filho de Papaizin Júnior", ora com lideranças de sua própria legenda, o PB (Partido da Boquinha). E por falar em Highlander, outro que começava a ressurgir no cenário era o ex-déspota "Tucanossauro Aposentásio". Mesmo no auge de seus 270 anos, ele mostrava-se em pleno vigor físico. E, garantia ele, não precisar nem das caríssimas pílulas azuis. O velho era um fenômeno. Inclusive, em se falando em fenômeno, ambos, Tucanossauro e Filomeno, mestre e discípulo, ensaiavam uma fenomenal reconciliação. O que, a propósito, seria o maior sonho de "Tia Omo", curandeira, pajé e conselheira da família há 475 anos. Tal aliança garantia mais alguns anos dela no quarto andar do Palácio Real e na gerência dos assuntos da família. No entanto, em se falando de acordo. Outro pupilo de Aposentásio, o "Dr. Bonitinho Salto Alto" também iria fazer de tudo pelo poder. Nem que ele tivesse que fazer uma aliança com o próprio Filomeno. Mas o problema que o velho, no passado traído por Dr. Bonitinho, desejava algo com ainda mais força do que a retomada do poder no principado: vingança. E tal desejo de vingança emperrava as engrenagens dos acordos e impedia que a eleição fosse decidida nos bastidores, não nas urnas. Enquanto isso, outros nomes continuavam a correr por fora, como o radialista do programa "Paga Mais para Eu", o pastor "Nilton Lambança", sem contar com Tonico Mineral e seus parlamentares adestrados. Ah, não podemos esquecer-nos do ministro da saúde "Dr. Malfadado Gorduroso" que andava fazendo na vida pública tudo o que fazia na privada. Enfim, era um caldeirão de vários ingredientes...

* AVISO * “Arnaquinópolis 2 — A sucessão” é uma novela, portanto, uma obra de ficção. Qualquer semelhança com fatos ou personagens da “vida real” não passará de mera coincidência.

Depois dos bombeiros reclamarem dos salários chegará a vez da polícia...

EXPRESSO REGIONAL 12 a 18 de junho de 2011

Artigo O amor tudo sofre Salmos 28:1 - [Salmo de Davi] A ti clamarei, ó SENHOR, Rocha minha; não emudeças para comigo; não aconteça, calando-te tu para comigo, que eu fique semelhante aos que descem ao abismo. O Salmo 28 retrata com detalhes a luta espiritual daqueles que querem depender do Senhor: “... Não fiques indiferente para comigo. Bendito seja o Senhor, pois ouviu as minhas súplices” (Salmo 28:1, 6).

Miopia estratégica A forma pela qual o governador Sérgio Cabral e sua equipe inicialmente conduziram a crise dos Bombeiros foi a prova cabal do que o poder em excesso pode fazer com a visão de um governante. Amparado pela vitória fácil (sem adversário, diga-se de passagem) em sua reeleição e do poderio econômico, Cabral achou-se o "todo-poderoso", capaz inclusive de bater de frente com a classe com a maior credibilidade não apenas no Brasil, mas no mundo. Não quis negociar com os bombeiros e tal inflexibilidade causou a invasão do QG da corporação. Por fim, em vez de negociar com os bombeiros, preferiu mandar o Bope "sentar o pau" em todo o mundo. Deu no que Deu, agora, pressionado pela opinião pública, Cabral vai ter que ceder. E entender que os danos causados por esta crise à sua imagem pessoas ficarão para sempre. Humildade não é sinal de fraqueza, governador!

Efeito cascata Agora, após os bombeiros, chegará a vez dos professores, policiais civis e militares reivindicarem, com toda a razão, a melhoria dos salários. Ou o governador cede, ou pega um avião e voa de vez para Paris...

BALTHAZAR SCHNEIDER. Contato: jornalistabalthazar@yahoo.com.br

Orgulho para a região Não posso deixar de registrar aqui o empenho de dois deputados da região em prol dos Bombeiros: Garotinho (PR) e Dr. Aluízio (PV). Garotinho, desde o início do movimento tem dado atenção ao caso e fez projeto de lei exigindo anistia aos presos. Já Aluízio, foi fundamental no processo que resultou no habeas corpus aos amotinados.

Frase da semana

" Se é paz, é paz. Mas, se querem guerra, terão guerra " Sen. Humberto Costa (PT-PE),sobre nova postura dos senadores petistas com a oposição.

Oração é uma batalha humana, nas expectativas sobre o futuro. Olhamos ao redor e a nossa percepção, cansada pelas tribulações do mundo, sofre por causa da aparente “indiferença” de Deus. O mesmo Salmista chega a perguntar, no seu abandono: “Até quando, Senhor? Será que Te esqueceste de mim?” Com a mesma persistência com que nos entristecemos pelas tribulações, com esta mesma persistência é essencial que continuemos nos lembrando das garantias do Cristo: “Mas não vos preocupeis: eu venci o mundo”. Em quem depositaremos nosso “tesouro”, no planejamento do futuro? A nossa própria experiência de crentes ensina que nem nós, nem o mundo, nem o Inimigo, controlam nosso futuro. Meu socorro não vem dos “montes”: “meu socorro vem do Senhor” que fez os montes. Quando apostamos

www.twitter.com/expressorj

Pr. Olavo Feijó

Roberto Shinyashiki* AR

COMO VOCÊ LIDA COM A TRAIÇÃO? Traição dói, frustra, torna a vida muito pesada. Superar uma traição nunca é fácil, pois é muito complicado lidar com tantos sentimentos pesados que surgem. Mas, uma coisa é certa: depois de uma traição, dá muito trabalho fazer a relação voltar a ser como antes. É como se o sentimento que temos pelas pessoas fosse um vaso de cristal muito delicado, bonito e raro. Quando ele é quebrado por uma traição é difícil consertar. O mundo dos negócios hoje em dia, por exemplo, convida as pessoas a deixarem os seus princípios e valores do lado de fora das salas de negociação. E a traição se torna inevitável. As pessoas também são traídas pelos amigos, pelos irmãos, pelos sócios e até mesmo pelos filhos… Você já foi traído? Por quem? Como foi a dor que você sentiu ao ser traído? O que você fez a esse respeito? Quais foram as consequências dessa traição? Quero escutar a sua história! Quais os motivos principais que levam uma pessoa a trair? Dinheiro? Inveja? Sede de poder? Egoísmo? Ingratidão? Vaidade? Ganância? Vingança? Por querer provar algo para o outro? Qual é a sua opinião? Escreva para mim e diga o que você pensa sobre isso tudo.

BANDIDOS NÃO, HERÓIS - Imagem mostra as condições subumanas em que os bombeiros foram submetidos enquanto presos, dormindo no chão. No estado do déspota Sérgio Cabral, traficantes de drogas recebem melhor tratamento

PALAVRAS DE FÉ Com o Obreiro Francisco Xavier da Conceição Filho

Meus irmãos, não tenhais a fé de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor da glória, em acepção de pessoas. Tiago 2:1

Por favor, enviem as suas idéias para o email roberto@institutogente.com.br Ou deixe seu comentário em meu blog. Lembre-se: Abra o seu coração, antes que um cirurgião o faça! Um grande abraço Roberto

*Roberto Shinyashiki é psiquiatra, palestrante e autor de 13 títulos

EXPRESSO REGIONAL

Expresso Regional Editora e Revista Ltda. CNPJ: 07.338.963/0001-49. Campos: Avenida Gilberto Cardoso, 299, Turfe Clube Macaé: Rua Dr. Télio Barreto, 204 – sala 201 – Centro — Macaé-RJ. Cep: 27.910-060 Telefone: (22) 2772-2753. e-mails: expressonf@yahoo.com.br; Circulação: Campos, Macaé, Carapebus, Rio das Ostras, Quissamã, Conceição de Macabu e Casimiro de Abreu

Diretor Administrativo: Joel Martins Filho Editor: André Luiz do Amaral Cabral (Registro Profissional: MTB 28.656/RJ) Reportagens: Weslei Radavelli Colaboradores: Roberto Shinyashiki, Balthazar Schneider, Francisco Xavier Filho Impressão: Jornal do Commercio Tiragem: 15.000 exemplares

www.jornalexpressoregional.com.br


Estado presta contas em Campos

Homenagem à imprensa macaense

Em audiência pública realizada na manhã de sexta-feira (10), na Câmara Municipal de Campos, representantes do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) prestaram contas da primeira fase das obras de drenagem dos canais da Baixada Campista, que tiveram início em abril do ano passado com recursos da ordem de R$ 97 milhões, provenientes do Ministério da Integração Nacional.

Na última sexta-feira (10), a Câmara dos Vereadores de Macaé resolveu comemorar o Dia Nacional da Imprensa homenageando profissionais de comunicação da cidade e também do estado. A solenidade aconteceu após Requerimento Oficial do líder do governo e primeiro secretário, Luiz Fernando (PMDB). “A imprensa é fundamental para a democracia”, disse.

CPI ENTRA EM NOVA FASE

3

EXPRESSO REGIONAL 19 a 25 de junho de 2011

ANTÔNIO LEUDO

Após recolhimento de documentos, CPI da SIT vai convocar autoridades para depor Presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga o Sistema Integrado de Transportes de Macaé (SIT), o vereador Antônio Franco de Carvalho (PTdoB) informou, na última quarta-feira (dia 8), em entrevista ao Expresso Regional que os trabalhos de investigação entrarão agora, em uma nova fase. "Na primeira fase a gente recolheu documentos e possíveis provas para averiguar se existem irregularidades. Agora, vamos convocar as autoridades públicas da área para prestarem esclarecimentos", informou. Na última quarta-feira, aliás, Antônio Franco fez um pronunciamento na sessão ordinária na Câmara informando que, até a presente data, o secretário de Mobilidade Urbana, Jorge Tavares Siqueira (o Jorjão) não havia respondido requerimento solicitando informações no prazo de 15 dias. A mesa diretora da Câmara reiterou o ofício dando prazo de 48 horas para a resposta. No entanto, no mesmo dia, os documentos solicitados foram entregues à Comissão e o requerimento, portanto, foi atendido. "Neste ofício solicitamos informações, tais como as cópias das leis bem como dos procedimentos licitatórios criando as linhas de ônibus de Macaé. Também queremos saber porque a criação deste consórcio não passou pela Câmara. Se esta fusão entre Macaense e Líder é legal", informou o presidente que também quer apurar porque o valor da passagem urbana chegou ao

LUIS ERNESTO FILHO

Nova audiência para discutir duplicação da BR

Antônio Franco reclamou da falta de entrega de documentação e, no mesmo dia, sua reclamação foi atendida pela Mobilidade Urbana valor de R$ 2,50. "Queremos que a concessionária ou o secretário de Mobilidade nos explique e dê uma satisfação pública de como a tarifa chegou a este valor", disse Antônio. Antônio Franco fez questão de destacar que o objetivo da CPI não é promover uma "caça às bruxas" nem fazer sensacionalismo com uma questão tão séria. "Não estamos de brinca-

deiras. Temos que apurar todos os detalhes com responsabilidade. Como esta é uma questão de forte apelo popular, seria fácil fazer o maior estardalhaço com a questão. Mas não é para isso que fomos eleitos. Se houver irregularidades vamos fazer com que os responsáveis sejam levados à Justiça. No entanto, não vamos fazer julgamentos precipitados com

RAPHAEL CORDEIRO

Clínica para dependentes químicos Ainda este ano, os dependentes químicos poderão contar com uma clínica especializada, onde serão realizadas as terapias em todas as áreas, tanto físicas quanto psicológicas. A Prefeitura de Campos, a partir de uma indicação do Vereador Jorge Magal, já desapropriou todo o espaço onde funciona o Hotel Pedra Lisa, na Região Norte do município. Toda a estrutura física passará por pequenas adequações e, ainda, este ano a clínica será inaugurada. Segundo o vereador, trata de um grande passo nesta área, já que muitas famílias eram obrigadas a encaminhar seus jovens com problemas de dependência para clínicas em outros estados. “O problema da dependência química acaba por abalar toda a família, desestrutura por completo e precisa ser vista com muito carinho pela sociedade. Sempre desejei que o poder público municipal estabelecesse um espaço próprio para este tipo de acompanhamento, evitando até mesmo o problema do alto custo para as famílias”.

on line

o objetivo de tirar proveito político desta situação", disse. Em nota divulgada logo após a instalação da CPI, o consórcio Sistema Integrado de Transportes (SIT) composto pelas empresas Macaense e Líder informou que está à disposição das autoridades para prestar quaisquer esclarecimentos e colaborar integralmente com as investigações. Quanto ao valor das passagens, a assessoria

de imprensa da empresa informou que as tarifas são reajustadas com autorização da Prefeitura de Macaé, e seguem percentual estabelecido segundo tabela do Grupo Executivo de Integração da Política de Transportes (Geipot), órgão federal subordinado ao Ministério dos Transportes (Leia mais sobre a CPI da SIT na página 12).

Em abril, a Câmara Municipal de Macaé foi protagonista de importante reunião de trabalho, com o senador Lindbergh Faria (PT) para agilizar os processos de duplicação da BR-101, além da mudança do trevo que liga o município com a região serrana. A audiência pública contou com a precisa de autoridades de todo o estado, além de representantes da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e da concessionária Autopista Fluminense, que administra a BR no estado. Tudo possível graças a incansável empenho do líder do governo e primeiro secretário, Luiz Fernando (PMDB), com aval do presidente Paulo Antunes (PMDB). Na ocasião, o senador Lindbergh deixou pré-agendada nova reunião para o dia 13 deste mês. Porém, o petista entrou em contato no início da semana com Paulo Antunes para informar que a ANTT ainda não concluiu alguns processos para liberar início da obra e solicitou adiamento do encontrou, que será agora no dia 11 de Julho, a partir das 10 horas da manhã, no plenário da Câmara. “O senador Lindbergh pediu desculpas em nome da ANTT, mas continua lutando para que a duplicação da BR-101 saia o quanto antes”.


12 a 18 de junho de 2011

EXPRESSO REGIONAL

Bombeiros lutam por anistia em processos Projeto tramita na Câmara em regime de urgência para perdoar militares Após o pedido de habeas corpus impetrado pelos deputados Dr. Aluízio (PV-RJ), Alessandro Molon (PT-RJ), Mendonça Prado (DEM-SE) e Protógenes Queiroz (PC do B-SP), a Justiça do Rio de Janeiro decidiu liberar da prisão os 439 bombeiros presos. O anúncio da libertação dos Bombeiros foi feito nesta manhã de sábado, no quartel de Charitas, onde 430 dos 439 presos estavam detidos. O deputado federal Dr. Aluízio afirmou que esta decisão corrige uma injustiça. De acordo com ele, em momento algum os Bombeiros infringiram a lei ou promoveram a desordem. "Os manifestantes estavam acompanhados por suas mulheres e familiares, o que mostra que estavam em movimento pacífico. A ocupação do Quartel Central foi um ato de defesa do movimento, que sentiu acuado pela força policial", afirmou o parlamentar.

Dr. Aluízio explicou ainda que a ação de ocupar o Quartel Central dos Bombeiros na sexta-feira (03) foi uma forma de proteção, pois os manifestantes se sentiram acuados. Os Bombeiros comemoraram a decisão da Justiça. Depois da libertação, os Bombeiros querem agora a anistia de uma possível punição em que eles possam ser envolvidos. Tal punição pode prejudicar a sua ascensão dentro da corporação. MELHORIAS - O governador Sérgio Cabral vai enviar uma proposta à Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) modificando a destinação dos recursos do Fundo Especial do Corpo de Bombeiros (Funesbom) para que sejam utilizados 30% deles no pagamento de gratificações aos bombeiros, de acordo com a assessoria do governo. Os 70% serão convertidos em manutenção e compra de novos equipamentos e treinamento de pessoal necessários na execução do trabalho de Defesa Civil, assim como assistência médico-hospitalar e assistência social do Corpo de Bombeiros. DIVULGAÇÃO

Os Bombeiros comemoraram a decisão com passeata nas ruas

PÁGINA 5

Direto do

Cabral e o “Cobra Coral” Vocês devem ter visto que no sábado coloquei aqui uma nota que falava da história que estava rolando, de que Cabral teria recorrido a Eduardo Paes para pedir à Fundação Cacique Cobra Coral para trazer uma chuva fina no domingo para Rio, para esvaziar a manifestação dos bombeiros. Pois, a Fundação Cacique Cobra Coral enviou uma nota para o blog esclarecendo que “não trabalha para eventos políticos” e informando que a equipe da médium Adelaide Scritori estava interferindo no tempo, em Buenos Aires "desviando as cinzas do vulcão chileno”. Bem, com a ajuda do Cacique Cobra Coral, ou sem ela, nessa história do tempo, Cabral dançou. Mas que deve ter torcido loucamente por uma chuva, isso não tenham dúvida.

Anistia já Durante toda a passeata de agradecimento à população, a palavra mais ouvida dos bombeiros era: anistia. Conforme vocês já sabem, mas O Globo tenta esconder, o meu projeto de anistia aos bombeiros já está pronto para ser votado, inclusive em regime de urgência, para o qual obtive 304 assinaturas, diferente do projeto apresentado pelo deputado Molon, que precisa passar primeiro pelas comissões da Câmara, receber pareceres e aguardar pauta para entrar em votação, o que pode demorar mais de um ano.

DIVULGAÇÃO

Imprensa do Rio tenta esconder força da “Onda Vermelha” A maioria da imprensa escondeu da população que no domingo teria a manifestação dos bombeiros em Copacabana. Na sexta e no sábado nem uma linha sobre o protesto, com a intenção de esvaziá-lo. Não adiantou, uma multidão que tinha tranquilamente 100 mil pessoas - basta ver a foto acima, que não chega a mostrar o fim da passeata – se reuniu na praia de Copacabana. Ainda que estivessem só 27 mil pessoas como diz a PM e a imprensa reproduz sem contestar seria a maior manifestação política dos últimos anos aqui no Rio de Janeiro. Mas como poderão conferir abaixo, pelas manchetes dos principais jornais cariocas, a manifestação foi relegada a segundo ou terceiro plano, de acordo com o jornal. Nenhum jornal noticia os protestos contra Sérgio Cabral. A verdade é que está fazendo falta no Rio um jornal, que não vá além do papel de um jornal.

O PT, os bombeiros e o povo... Tão ágil para defender todas as categorias que lutam por melhores salários, o PT – RJ ficou sumidinho na defesa dos trabalhadores do Corpo de Bombeiros. Para quem não sabe, o Partido dos Trabalhadores ocupa várias secretarias e cargos importantes do governo Sérgio Cabral. Quer dizer que é isso? Entre defender os cargos ou os trabalhadores, o PT – RJ ficou com a boquinha nos seus contracheques do governo Cabral. Não se ouviu também sequer uma única palavra de solidariedade aos bombeiros do Rio de Janeiro partindo do ex-presidente Lula, um homem que quando era metalúrgico foi preso por lutar por melhores salários, igual ao que fazem hoje, os nossos bombeiros. Bem que Lula, amiguinho íntimo de Cabral, podia dar um toque nele que não continue agindo como os militares da ditadura que o levaram para a cadeia.

Leia mais em: www.blogdogarotinho.com.br

A liberdade dos heróis do Corpo de Bombeiros Todos vocês devem ter assistido na televisão cenas emocionantes da libertação dos 439 bombeiros. Um momento que para sempre ficará lembrado na história do Rio de Janeiro. Em 2011, no Rio de Janeiro, bravos guerreiros em luta por condições dignas enfrentaram um governador, com postura de ditador; não recuaram diante de todas as perseguições e arbitrariedades; não desistiram mesmo com quase toda a mídia inicialmente contra eles. Tinham a razão do lado deles e conquistaram o apoio de quase toda a população. Obrigaram o governador a recuar, forçaram a mídia a mudar de postura, mostraram que com coragem e luta é possível vencer a batalha. Fico muito satisfeito com a libertação dos bombeiros. Por eles e por suas famílias que tanto têm sofrido. Os bombeiros deram uma lição a todos com o lema: Nenhum passo daremos atrás! Agora falta conseguir a anistia para que se livrem dos processos, não corram o risco de passar 8 anos atrás da grades como pede o Ministério Público, nem correr o risco de serem expulsos. Mas o diálogo está aberto pela postura do novo comandante e agora secretário de Defesa Civil, coronel Simões, que como já disse aqui no blog é um homem preparado, foi o subsecretário no governo de Rosinha.


Plano de Política para as mulheres

Acordo de cooperação com a Noruega

A Subsecretaria de Políticas Públicas para a Mulher, vinculada à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, promove nesta segunda-feira (13), no Paço Municipal (sede da prefeitura), um encontro com o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, com o objetivo de apresentar as ações realizadas no município, pela subsecretaria, voltadas para a mulher.

O prefeito de Macaé, Riverton Mussi, assinou carta de intenções com o intuito de cooperação entre as cidades de Stavanger, na Noruega, e Macaé para fomentar a transferência de tecnologia e incentivo à implantação de empresas no município. A missão macaense foi promovida em parceria entre a Prefeitura de Macaé e o Programa de Internacionalização da Cadeia Produtiva de Petróleo e Gás (Prointer) do Sebrae.

6

EXPRESSO REGIONAL 12 a 18 de junho de 2011

FEIRA NA CAPITAL DO PETRÓLEO Em dez anos, a Feira Brasil Offshore se consolidou como a terceira feira mais importante do mundo no segmento Todas as atenções do mundo, relacionadas a cadeia produtiva do petróleo, estarão voltadas para Macaé nesta semana. Até a sexta-feira, dia 17, o Centro de Convenções Jornalista Roberto Marinho, o Macaé Centro, estará recebendo a terceira feira mais importante do mundo no segmento, a Brasil Offshore, que neste ano celebra a sua quinta edição, com dez anos em Macaé. A Brasil Offshore é organizado e promovido em conjunto pela Reed Exhibitions Alcantara Machado, Prefeitura Municipal de Macaé, IBP (Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis) e SPE (Society of Petroleum Engineers). Ao longo dos anos, a Feira vem crescendo de forma exuberante, registrando excelentes índices a cada ano. Para esta edição, serão 35 mil m² de área de exposição (um crescimento de 15% em relação a 2009), com 650 empresas e uma expectativa de um público diário de 10 mil pessoas. Para atender o evento, o Macaé Centro foi totalmente reformado, principalmente na área externa. Sem passar por uma grande reforma há anos, o local recebeu nova pintura, reforço de cores nos letreiros, novos portões e grades e uma lavagem geral nas vidraças. Além do pátio interno, onde ficarão os estandes de maior porte, as empresas estarão acomodadas em três grandes tendas climatizadas, que foram montadas na área do estacionamento. Pelo menos, 16 mil empregos diretos e indiretos foram gerados durante a preparação e a exibição

WESLEI RADAVELLI

Até a sexta-feira pela manhã, profissionais corriam contra o tempo para terminar os estandes a tempo dos últimos ajustes no fim de semana da feira. Destes profissionais, grande parte foi contratada para atender unicamente o período da feira, mas que vão aproveitar a oportunidade para se firmar na empresa. É o caso do Técnico em Segurança do Trabalho, Rafael Rezende Cardoso, de 21 anos. Morador de Rio das Ostras, ele foi contratado em uma vaga temporária da H Camargo e já está de olho em uma vaga permanente.

"Procuro fazer um bom trabalho para me manter na empresa. Mas só o fato de estar aqui nesta feira, já está sendo uma experiência muito boa", disse. Trabalhando como servente, as funcionárias Mônica Monteiro, 32 anos, Najara de Oliveira Alves, de 28 anos, e Lilia Christina de Almeida, de 50 anos, também estão pensando em se manter na empresa. "Esta feira veio em exce-

lente hora. Eu estava desempregada e agora só quero saber de continuar trabalhando", disse Mônica. "Agora vamos ficar na expectativa de ter mais feiras como esta", completou Najara. "Este ano, nós teremos um guichê da Secretaria de Trabalho e Renda, que estará recebendo os currículos de pessoas que tenham interesse em trabalhar em uma das empresas expositoras, no futuro",

Mobilidade Urbana prepara esquema especial de trânsito Linhas de ônibus receberão reforço e cidade ganhará placas indicativas durante a feira Em preparação de um esquema especial para adequar o município de Macaé a Feira Brasil Offshore, a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana elaborou uma série de estratégias para atender a alta demanda de visitantes, que devem circular na cidade nesta semana. Segundo estimativa da Secretaria, cerca de 38 mil veículos devem circular simultaneamente pelas ruas de Macaé durante o período de funcionamento da feira. Para chegar às estimativas e assim elaborar um plano para atender o município, a Secretaria de Mobilidade, por meio da Subsecretaria de Trânsito, se baseou em índices coletados durante a última edição da Brasil Offshore,

em 2009. Com estes dados, a subsecretaria definiu um roteiro de sugestões de caminhos alternativos, valorizando vias que ainda não são utilizadas totalmente pelos macaenses, como as Vias Azul e Verde. Estes caminhos estão sendo sugeridos para ligar os visitantes da feira, no Macaé Centro, ao Polo Gastronômico da Praia dos Cavaleiros. De acordo com o subsecretário de Trânsito, Capitão Bruno Rezende, a sugestão é que os motoristas utilizem as vias principalmente para "fugir" do trânsito pesado na Rodovia Amaral Peixoto, na altura da Ponte Ivan Mundim. "O trânsito naquela região, entre 16h30 e 19h já é intenso em dias normais. Diante disto, nós esta-

mos sugerindo que as vias expressas sejam utilizadas para chegar ao outro lado da cidade", citou. Além do roteiro, a secretaria preparou um reforço na sinalização e fiscalização do trânsito. Quanto a vigilância, o reforço será de seis motos, cinco viaturas, 50 agentes e auxiliares de trânsito e, pelo menos, 50 novas placas indicadoras e seis luminosas. Este plano contará também com a distribuição de 10 mil folderes, que trarão informações fundamentais para trafegar com segurança por Macaé. "Este folder será distribuído por pessoas nas ruas, estarão nos hotéis, na feira e com os agentes nas ruas, para que ele seja um guia para os nossos visitantes. Ali consLUIZ BISPO

O Subsecretário de Trânsito, Bruno Rezende, informou algumas das mudanças durante a Brasil Offshore

tará um mapa da cidade, informando alguns pontos de referência, para que ele possa se localizar nas nossas vias", explicou o subsecretário. O subsecretário falou também sobre o reforço no transporte público, que contará com a criação de uma nova linha. "Neste período da feira, haverá a linha Terminal Central x Centro de Convenções, que sairá da Plataforma 7, a cada 40 minutos. Além da nova linha, haverá uma mudança no itinerário da T-31, que se estenderá para atender aos hotéis no Polo Gastronômico. E as linhas que passam em frente ao Centro de Convenções (T-11, A-81 e A-73) receberão um reforço no número de carros e circularão com intervalo de cinco minutos", explicou Bruno, pedindo para que os visitantes optem pelo transporte público aos veículos de passeio. "O estacionamento no Parque de Exposições será administrado por uma empresa privada e pode ser que haja congestionamento. Por isso, sugerimos o transporte público como sendo um meio mais rápido e seguro", completou. Bruno Rezende aproveita para pedir a população que colabore com as autoridades locais, respeitando as leis de trânsito. "Respeitar as placas indicativas, os semáforos, a autoridade do agente e não misturar bebida alcoólica com direção. Se as pessoas seguirem estas instruções, já estarão nos ajudando muito", afirmou o subsecretário, que também deixou um conselho aos visitantes. "Em caso de dúvida em Macaé, procure informações com um agente uniformizado. Ele irá passar uma informação correta e segura".

informou o diretor da Feira Brasil Offshore em âmbito municipal, Fernando Amorim. Além de movimentar o Centro de Convenções, a Brasil Offshore mudou a realidade de toda a cidade de Macaé e até municípios vizinhos. A Infraero foi uma das entidades parceiras e, para atender aos inúmeros visitantes vindos do exterior, reforçou a vigilância e o atendimento

ao número de vôos. A Polícia Militar também reforçou o número de agentes nas ruas e vai atender a um arco de Campos a Búzios, já que muitos visitantes estarão hospedados nestes municípios. Ainda há a expectativa na presença do Governador Sérgio Cabral, que teve a sua presença confirmada pela assessoria. Paralelo à Feira, o evento no Macaé Centro contará com a Conferência Internacional de Petróleo e Gás. O evento tem por objetivo permitir que profissionais de E&P (exploração e produção) busquem e discutam novas tecnologias da área. Debatam sobre novas ideias referentes ao mercado offshore brasileiro. Para isso, os organizadores prepararam um rol de assuntos para serem debatidos durante a Conferência, tais como: Estimulação de carbonato; Vida útil de estrutura existente em campos Offshore; Engenharia que prolonga capacidade operacional; Gerenciamento inteligente do reservatório; Novos sistemas para perfuração e extração com boa relação custo-benefício em cenários complexos; Perfuração em sal; Tecnologia IOR/EOR; Controle e gerenciamento de areia. "Cada dia que passa estamos mais convictos de que Macaé faz por merecer ao ser reconhecida como a Capital do Petróleo. O potencial da cidade é gigantesco e percebemos que a administração do município caminha junto com o desenvolvimento local", analisou a gerente de marketing da Reed Exhibitions, Ivani Andreotti.

Empresa oferece consultoria em área ambiental e sanitária Um dos sistemas é fundamental para a emissão de licenças ambientais Atuando no ramo de consultoria na área ambiental e sanitária, oferecendo também o serviço de preparação para licença prévia, a Saneserv, com pouco tempo de mercado, vem se destacando no segmento em Macaé. A Saneserv é uma empresa especializada em desenvolver soluções na área sanitária e ambiental com eficiência, tecnologia, baixos custos e equipamentos ecologicamente corretos, visando à melhoria contínua da sustentabilidade do ser humano e a preservação do meio ambiente. Voltada para área de tratamento de água e esgoto, atendendo as normas técnicas e ambientais como (ABNT, NBR, INEA, FEEMA, entre outras), a empresa atua com equipamentos eficientes comprovado através de instituições públicas ligadas ao meio ambiente e tratamento de água e esgoto como: CEDAE - Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro, Secretária

Municipal de Meio Ambiente de Niterói, entre outras, com Atestados de Condições Técnicas. De acordo com o Diretor Técnico Comercial da Saneserv, Magno Gama, a empresa atua na preparação dos imóveis para a emissão das licenças ambientais, fundamentais para a emissão de alvarás (como no caso de imóveis residenciais, por exemplo) e licenças de operação (no caso de imóveis industriais, por exemplo). "Nós chegamos ao mercado para oferecer um projeto ecologicamente correto. Trabalhamos com a Sanefibras, uma empresa com mais de 15 anos de mercado", explicou. A empresa também atua na implantação de projetos voltados para tratamento, reuso e reciclo de água, tanto industrial como residencial, oferecendo também análise físico-química e microbiológica. A Saneserv oferece ainda serviços para empresas em diversas áreas, empresas offshore, navegação, hospitais, escolas, etc., desenvolvendo análises de água potável e industrial A Saneserv está situada à Rua Doutor Bueno, 589, loja 2, Imbetiba - Macaé. O telefone para contato é o 2773-3287. DIVULGAÇÃO

Instalação de um dos sistemas de tratamento do esgoto


FeMASS abre Mostra de Projetos A Faculdade Municipal Professor Miguel Ângelo da Silva Santos (FeMASS) iniciou nesta segunda-feira (13), mais uma edição da sua Semana de Projetos. O evento é realizado todos os anos pela instituição, onde os alunos dos cursos das graduações de Sistema de Informação, Administração e Engenharia de Produção apresentam seus trabalhos de pesquisas.

Vacinação contra a Aftosa em Campos A meta era vacinar 35 mil animais, mas o número de doses aplicadas superaram a expectativa e, dentro da primeira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra Febre Aftosa, a secretaria municipal de Agricultura e Pesca imunizou gratuitamente 46.482 mil bovinos e bubalinos de pequenos produtores cadastrados no órgão. A vacinação no município foi encerrada na última sexta-feira (10).

8

EXPRESSO REGIONAL 12 a 18 de junho de 2011

MAIS PERIGOSO DO QUE PARECE EM PESSOAS SEM PREPARO FÍSICO, UMA SIMPLES “PELADA” DE FUTEBOL PODE GUARDAR ARMADILHAS INFOGRAFIA FOLHAPRESS

Fernanda Barbosa (FP) Aquela pelada de sábado à tarde pode ser mais perigosa do que parece. Sem o preparo físico e muscular adequado, os atletas ocasionais estão mais expostos a lesões de ligamentos. Para se prevenir, o atleta ocasional deve apostar no fortalecimento muscular e na melhora de seu preparo físico. "A falta de condicionamento físico acaba sobrecarregando as articulações e aumentando o risco de ruptura de ligamentos", afirma o ortopedista Julio César Nardelli. Além disso, a falta de costume de realizar os movimentos característicos de cada esporte aumenta o risco de quedas, que podem gerar lesões. Segundo Nardelli, é importante um trabalho de equilíbrio, de consciência corporal e de postura. "Se houver dor ou instabilidade, é importante que a pessoa procure um médico", afirma. No entanto, os ligamentos são formados de tecido pouco elástico que, com um excesso de carga repentino, podem se romper, independentemente da prevenção feita. "O atleta de alto nível tem a musculatura preparada, mas se houver uma força muito grande na articulação, o ligamento não agüenta", afirma Agnaldo Oliveira Júnior, ortopedista do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos. As lesões de ligamento

também são comuns nesses atletas, devido ao esforço repetitivo e à carga recebida nas articulações. Mas os sedentários não estão livres do problema. Isso ocorre porque uma corriqueira torsão de tornozelo já pode romper um ligamento. Deve-se ter cuidado pois, segundo os médicos, a estrutura não volta ao normal após ser lesionada. Ela fica mais fibrosa e menos elástica, o que aumenta o risco de uma nova lesão. VERDADES E MENTIRAS A cirurgia é feita para estabilizar a articulação. Verdade. O ligamento lesionado pode ser 'suturado' pelos médicos ou pode ser feito um enxerto com outro ligamento. Dependendo do caso, os especialistas utilizam fios e parafusos para ajudar na reconstrução. Os ligamentos não aparecem em exames de raio-X. Verdade. As lesões em ligamentos são detectadas por meio de exame clínico e de ressonância magnética. O plasma rico em plaquetas é um tratamento confiável. Mentira. O uso do próprio sangue injetado na articulação ainda é estudado e sua eficácia não está comprovada, bem como as possíveis reações negativas.


Debate de PCCV em Macaé

Mumuzinho arrebenta em Quissamã

Devido à complexidade do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos do Magistério Municipal (PCCV), a Plenária Ampliada do Fórum Permanente de Educação Municipal, que aconteceu no último dia primeiro, na Cidade Universitária, foi estendida. As discussões deverão ser concluídas nessa quarta-feira (15), no auditório do Sesi, alameda Etelvino Gomes, 155, na Riviera Fluminense.

O primeiro a cantar foi o jovem revelação do pagode, Mumuzinho. O cantor e compositor da nova geração apresentou canções de sucesso na sua própria voz e em vozes de outras bandas, como Sorriso Maroto e Exaltasamba. Pela primeira vez na cidade, o pagodeiro desejou sucesso a Quissamã. “Eu queria agradecer o convite de estar aqui, tanto a prefeitura quanto a Fundação de Cultura e Lazer de Quissamã”, desejou.

ORQUESTRA KUARUP ABRE FESTIVAL

9

EXPRESSO REGIONAL 12 a 18 de junho de 2011

ROGÉRIO AZEVEDO

Pelo quinto ano consecutivo, a Orquestra abrirá o Festival Rio das Ostras Jazz & Blues Pelo quinto ano consecutivo, a Orquestra Kuarup Cordas & Sopros, sob regência do maestro Nando Carneiro, será a atração de abertura do Rio das Ostras Jazz & Blues Festival, que acontece na próxima semana, em Rio das Ostras. A orquestra é mantida pela Fundação Rio das Ostras de Cultura e trabalha na apresentação de músicas feitas em instrumentos produzidos a partir de material reciclado, resgatando a sonoridade das tradições indígenas. Para valorizar a cultura nacional, a Orquestra apresentará músicas que são destaque na música popular brasileira. E a medida que a hora vai chegando, a expectativa para fazer um bela apresentação aumenta. "A nossa expectativa é a melhor possível e nós esperamos mexer com o público. Para nós é uma responsabilidade e uma honra muito grande abrir um importante festival como este", afirmou o maestro Nando Carneiro. Ao todo serão três blocos, formando cerca de uma hora de espetáculo. No primeiro deles, será um repertório de músicas variadas, mas que o público conhece bem. "O primeiro bloco será mais intimista, valorizando a música primitiva, ritmos e harmonia", destacou o maestro. Canções como "O Ovo", de Hermeneto Paschoal, e "Lamento Sertanejo", de Gilberto Gil, e "Pipoca Moderna" de Caetano Veloso, abrirão o espetáculo. O

DIVULGAÇÃO SECOM - RIO DAS OSTRAS

Patrimônio: A Orquestra Kuarup Cordas & Sopros é mantida pela Fundação Rio das Ostras de Cultura primeiro bloco ainda trará músicas de Milton Nascimento. O segundo bloco fará uma homenagem a um dos maiores músicos que a MPB teve: Tom Jobim. A homenagem traz "Garota de Ipanema", "Wave", "Samba de uma nota só", entre outras. Já o terceiro bloco, o maestro definiu como "Cult", com adaptações que prometem balançar o público. A apresentação de abertura do festival pela Orquestra Kuarup, assim como nos últimos

anos, contará com a participação especial de três músicos profissionais, convidados para "dar uma canja" no show. Eles são David Gan, Mário Javé e Cau Barros. Já o grupo original é formado por 18 pessoas, com idades entre 14 e 58 anos. "São anos de trabalho intenso com estes músicos, que não são profissionais, mas que se apresentam como tal. É um grupo heterogêneo, formado por funcionários públicos, estudantes, jovens, que tem em

comum o amor pela música. E este amor fica exposto para o nosso público", explicou Nando, que ainda revelou a ansiedade de alguns músicos. "Alguns deles subirão ao palco do festival pela primeira vez. Outros já estão acostumados. É uma boa renovação a cada ano", completou. FESTIVAL - Apontado pelos críticos como um dos melhores festivais do gênero no país, o Rio das Ostras Jazz & Blues Festival chega à nona edição. De 22 a 26

de junho, uma seleção dos melhores instrumentistas e intérpretes da atualidade se apresentará em quatro palcos montados ao ar livre. O festival, realizado pela Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Turismo, Indústria e Comércio, com produção da Azul Produções, entrou para o calendário oficial de eventos da Secretaria de Estado de Turismo, devido a sua importância. O Festival é patrocinado pela Lei de Incentivo da Secretaria Estadual de Cultura do Rio de Janeiro (somando forças) e da V&M do Brasil. Este ano o quarto palco na Praça São Pedro se consolida como o espaço dos novos talentos do jazz e do blues nacional. Serão cinco dias de Festival, 29 shows gratuitos, e mais de 60 horas de boa música, com apresentações às 11h15 (Praça de São Pedro), 14h15 (Lagoa do Iriry), 17h15 (Tartaruga) e 20h (Costazul). A Orquestra Kuarup se apresentará na quarta-feira, dia 22, às 20 horas, no palco principal montado em Costazul. Na sequência, se apresentam "Orleans Street Jazz Band", "Plataforma C" e "Igor Prado Blues Band". A programação segue até o domingo, com shows na Praça São Pedro, Palco Iriry e Palco Tartaruga. Todas as apresentações têm entrada gratuita.

Campos: Assinatura de contrato dos bolsistas até sexta O departamento de serviço social da Secretaria Municipal de Educação (SMEC) realiza até a próxima sexta-feira (17), a conclusão do processo de assinatura de contrato dos bolsistas novos que receberam o benefício este ano da Prefeitura de Campos. A secretaria também atenderá na próxima quinta-feira (16), os bolsistas que não assinaram, na semana passada, o termo de compromisso nas suas respectivas instituições de ensino. No período de seis a 10 de junho, a equipe de serviço social recolheu assinatura do termo de compromisso dos alunos do nível superior que são assistidos pelo Programa de Bolsas de Estudos. As assinaturas foram recolhidas nas próprias instituições. Os alunos que não assinaram o processo deverão comparecer no departamento de serviço social da secretaria na próxima quinta-feira das 9h às 17h. Esta semana também está sendo finalizado o processo de cadastramento dos novos bolsistas universitários. As inscrições foram feitas pela internet. Os universitários precisam comparecer ao setor para assinatura do contrato.


Serra Macaense perde para o Quissamã

Novo Centro de Saúde em Quissamã

O Serra Macaense perdeu, no sábado (11), para o Quissamã pelo placar de 2x0, no Estádio Claudio Moacir, em Macaé. Mesmo com a derrota, a equipe do técnico Julio Cesar Oliveira mantém a sétima colocação na Série B do Campeonato Estadual de Futebol, com 9 pontos, já que os resultados dos demais times que estão próximos na tabela também foram negativos. O Quissamã segue líder.

Conforto, qualidade e humanização no atendimento. Estas foram algumas das características destacadas durante a reinauguração do Centro de Saúde Benedito Pinto das Chagas (antigo Centro de Especialidades), que aconteceu nesta sexta-feira (10). “A obra deixou a estrutura do prédio muito boa, promovendo saúde de qualidade”, disse o prefeito Armando Carneiro, elogiando o corpo médico do Centro de Saúde.

11

EXPRESSO REGIONAL 12 a 18 de junho de 2011

ANIVERSÁRIO COM MUITA MÚSICA Artistas de renome nacional se apresentaram durante os cinco dias da festa de aniversário de Quissamã A programação cultural da Festa de Aniversário pelos 22 anos de Emancipação Político Administrativa de Quissamã foi um dos pontos altos da "Festa em Dose Dupla", preparada pela Prefeitura Local. Cinco atrações de renome nacional, que contemplou diferentes estilos musicais, agitaram a cidade do norte fluminense. O destaque da programação foi a apresentação da cantora Maria Gadu, na noite de sexta-feira, que trouxe a cidade as músicas de sua nova turnê. A festa de Quissamã começou na quarta-feira, dia 09, com o show da Pastora Ludmila Ferber, que subiu ao palco com o louvor "Nunca Pare de Lutar". A apresentação foi embalada pelos hinos que a fizeram alcançar grande sucesso na música gospel nacional. Por uma hora e 30 minutos, o público cantou os louvores com mensagem de fé, esperança e amor. Para a pastora, que recebeu autoridades, pastores de Quissamã e fãs no camarim, o objetivo da passagem pela cidade foi exaltar o nome de Deus. "Meu objetivo através dessas ministrações é liberar sob os céus de Quissamã a palavra de Deus. Me alegro por ser alguém completamente apaixonada por essa missão concedida pelo senhor da vida", afirma Ludmila Ferber. A cantora acredita que seu sucesso faz parte de um chamado divino, trabalho com o qual é possível tocar as pessoas pela palavra cantada. O público evangélico da cidade agradeceu a presença da cantora na maior festa do

FOTOS SECOM-PMQ

Ludmila Ferber, Restart e Maria Gadu foram algumas das atrações que se apresentam em Quissamã. Abertura contou com autoridades município. Presidente da Associação de Pastores e Líderes Evangélicos de Quissamã (Apleq), o pastor Amarildo de Souza compareceu ao camarim acompanhado da esposa e da filha. "Já conhecia os CDs, os hinos, mas é a primeira vez que pudemos chegar mais perto e conhecer a Pastora Ludmila Ferber pessoalmente. É a primeira

vez que ela vem a Quissamã. Um nome como este ser escolhido para abrir a Exposição é muito importante para nós", destaca. E teve gente que veio de longe para curtir o show. "Sou macaense, estou aqui para assistir a Pastora Ludmila, que com suas palavras, nos traz força para encontrar Deus, que é a força que

temos para viver", revela Luciana Silva, de 27 anos, que estava acompanhada dos familiares. No segundo dia, que teve a abertura oficial da exposição, a atração musical ficou por conta da banda jovem Restart. Mesmo com o mau tempo, o show (que durou cerca de uma hora) emocionou a garotada, que chegou cedo, mar-

cou o lugar e enfrentou a chuva para assistir aos ídolos. Os grandes hits levaram a galera ao delírio. A carioca Angélica Martins, de 18 anos, chegou ao local do evento às 10 horas da manhã. De frente para o palco, atingindo a marca de 58 shows, parecia estar diante da primeira apresentação do Restart. "Tenho

Deputado visita cidade e elogia projeto de Barra do Furado

mais de 50 revistas, 3 mil fotos de computador e estou me preparando para assistir o show deles na Argentina, em julho. Me identifico com as músicas deles", revela. Na sexta-feira, foi a vez de Maria Gadu e mais um dia com alta presença do público. Além das suas belas composições e regravações, ao final do show de cerca de uma hora e meia, Maria Gadú cantou um parabéns à cidade que completa 22 anos de Emancipação Político-administrativa no domingo, dia 12. "Foi uma delicia fazer um show aberto ao público, em um espaço democrático, até mesmo porque há uma galera que ainda não conhece o nosso trabalho. É muito bacana ver uma cidade sendo munida de cultura como Quissamã" disse. Quanto aos jovens da cidade que sonham em trabalhar e viver da música e que estão, através do incentivo da Prefeitura, cursando oficinas de música no Centro Cultural Sobradinho, Gadú ressaltou que é preciso estudar muito. "Estude! Boa parte das pessoas acha que ser músico é viajar, mas, senão souber fazer música de qualidade, não tem como fazer carreira. Se uma cidade, como essa, dá oportunidade de aprender e de graça, aproveite!", finalizou a cantora. Maria Gadú é considerada uma das cantoras mais completas da MPB na atualidade, recebendo elogios de diversos artistas já consagrados. A paulistana vem conquistando críticos musicais e o público em geral com sua voz e estilo peculiar. DIVULGAÇÃO

Luiz Sérgio esteve acompanhado de prefeito e de políticos partidários da região O ex-ministro-chefe da Secretaria de Relações Institucionais do governo Dilma Roussef Luiz Sérgio, já empossado como ministro da Pesca, visitou no sábado (11) o canteiro de obras do Complexo Logístico e Industrial Farol / Barra do Furado. No local, ele conheceu os detalhes técnicos do projeto que vai gerar inicialmente 3000 empregos diretos. O complexo é uma base de apoio offshore com capacidade para 11 navios, quatro estaleiros e um terminal de tancagem para armazenamento de derivados de petróleo. Na visita, ele foi acompanhado pelo prefeito Armando Carneiro (PSC), além dos vereadores Fátima Pacheco, Luiz Carlos Fonseca Lopes e Marcinho

Pessanha, além de várias autoridades e do representante da colônia de pescadores Z-27 João Marcos Ribeiro de Souza. O engenheiro civil Paulo Roberto de Oliveira, do consórcio Terra e Mar, tirou todas as dúvidas sobre as obras de infra-estrutura que vão viabilizar a instalação do complexo: a dragagem do Canal das Flechas e a implantação do sistema sand by pass (sistema de transpasse de sedimentos entre os dois lados do canal através de uma tubulação submarina). “Este é um projeto muito importante para a cidade, e o prefeito Armando tem lutado há muitos anos para viabilizá-lo. A presidenta Dilma Roussef incluiu este projeto como uma das obra

das obras do PAC por considerála prioritária, já que é uma obra estruturante”, disse o ministro. E completou: “com o pré-sal, teremos uma intensificação da atividade petrolífera, que será ainda mais importante como atividade catalisadora do desenvolvimento. Para isso, precis amos estar com as obras de apoio no mar muito bem estruturadas. Isso mostra a sabedoria destes dois prefeitos, Armando (Quissamã) e Rosinha (Campos dos Goytacazes), em fazer esta parceria”. Logo depois, o ministro participou da cerimônia de entrega de 30 casas populares no bairro Mathias, através de uma parceria da Prefeitura de Quissamã com o Governo Federal, pelo programa LEANDRO FERNANDES

O ex-ministro Luiz Sérgio, ao lado do Prefeito Armando, entregou o certificado de posse a um morador

“Minha Casa, Minha Vida”. E ainda visitou a Exposição Agropecuária, que segue até este domingo. A cidade vive dias de comemoração: durante toda a semana, foi realizada a Festa em Dose Dupla (aniversário da cidade + Exposição Agropecuária, Turística e Industrial de Quissamã). O presidente da Empresa Pública Municipal de Habitação, Francisco Roberto de Siqueira Júnior, abriu a cerimônia parabenizando os contemplados e dizendo que as famílias é que darão alma a cada uma das casas e desejando que Deus ilumine a cada uma delas na nova vida que se inicia. “Nenhum governante sério pode deixar de se preocupar com a população mais necessitada. Esta é nossa primeira parceria com o Governo Federal no Programa Minha Casa Minha Vida, mas de nada serviria entregar estas casas se não houvesse a preocupação do governo municipal com a saúde integral de cada cidadão e também com a educação de nossas crianças”, afirmou. Ele deixou claro também que as pessoas pagarão por suas casas e, ao quitar esta dívida, receberão a escritura. E que todo o processo de construção foi acompanhado por uma comissão eleita entre os futuros moradores, com críticas e sugestões. Falando especificamente sobre as casas que estavam sendo entregues, Luiz Sérgio elogiou Armando, afirmando que em Quissamã elas não são apenas um cômodo, como outros governos constroem. Isso porque ele visitou uma delas e pode verificar a qualidade da obra e o espaço construído.

Medida foi anunciada pelo Prefeito durante entrevista de rádio

Prefeito anuncia antecipação de 1ª parcela do 13º salário Antecipação salarial contribui até para o comércio, que poderá vender mais O prefeito de Quissamã, Armando Carneiro, anunciou em entrevista a rádio local, que o pagamento da primeira parcela do 13º salário dos servidores municipais será antecipado para o mês de junho, que foi pago na última quinta-feira (9). De acordo com o prefeito, todos os funcionários dos quatro grupos de secretaria terão 50% do 13º na conta já pela manhã da quinta-feira, inclusive os servidores com contratos temporários. “O adiantamento do 13º salário é um presente da prefeitura aos servidores em função do aniversário do município, atendendo a solicitação dos mesmos”, disse Armando. Vale ressaltar que antecipação do encargo vai beneficiar 2.080 funcionários municipais. Em virtude da Festa em Dose Dupla, que comemora o 22º Aniversário de Emancipação Político-administrativa e a 20ª Exposição Agropecuária, Turística e

Industrial essa medida vai injetar no comércio local aproximadamente R$2 milhões. “Esse pagamento também foi possível graças a um fundo de reserva de recursos próprios da Prefeitura feito pela Secretaria de Fazenda desde o início do ano, seguindo uma orientação do prefeito”, revelou o secretário de Fazenda, Ricardo Trindade. SAÚDE - Durante a inauguração da Central de Abastecimento Farmacêutico, o Prefeito informou que Quissamã está participando de um projeto do Ministério da Saúde, onde todos os municípios participantes divulgam seus dados em tempo real, criando uma base de dados nacional. “Quando o Maurício me passou os dados, tentei entender este sistema nacional e percebi que, a partir dele, teremos como fazer comparações para saber o que acontece em outros municípios com as mesmas características do nosso. Então, vamos trabalhar afinados com o Governo do Estado e o Governo Federal. Porque o SUS é o melhor sistema de saúde do mundo, mas é preciso que os municípios se aliem”, afirmou Armando Carneiro.


História da Petrobras em reality show

Rio das Ostras se une à Faetec

A Petrobras lançará nesta quinta-feira, em Itambé (PR), o Raio X, um programa no formato de reality show, que mostrará histórias por trás dos projetos patrocinados pela Companhia, além de curiosidades sobre diversos temas relacionados à empresa. Os episódios ficarão disponíveis no You Tube da Petrobras e no blog Fatos e Dados, em www.youtube.com/ raioxpetrobras e www.petrobras.com.br/fatosedados.

Uma parceria entre a Prefeitura de Rio das Ostras e a Faetec – Fundação de Apoio à Escola Técnica do Estado do Rio de Janeiro vai trazer cursos de qualificação e instrumentais para o município. Os cursos, voltados para os moradores, começam ainda no segundo semestre deste ano e serão realizados no Centro Municipal de Qualificação Profissional - CMQP - unidade de Secretaria de Ciência e Tecnologia.

12

EXPRESSO REGIONAL 12 a 18 de junho de 2011

“NÃO SEREI AFASTADO DO POVO” Em entrevista exclusiva ao Expresso Regional, Danilo Funke fala de assuntos polêmicos envolvendo a Casa Afastado das atividades Legislativas pelo período de 90 dias, o vereador petista Danilo Funke tem sido, desde o início de seu mandato, o centro de várias polêmicas envolvendo a Câmara Municipal de Macaé. A primeira delas é seu próprio posicionamento. Único vereador de oposição no meio de 11 governistas (grande parte com cargos indicados na administração Riverton Mussi), Danilo tem por diversas vezes provocado a ira de seus colegas de tribuna. Há um mês o ápice deste "confronto" até então velado, veio à tona quando um de seus assessores divulgou na internet (com fotos dos vereadores) o resultado de uma votação que derrubou uma indicação de Danilo, pedindo ao prefeito que criasse um plano de Cargos e Salários dos Professores. Segundo os vereadores governistas, este plano já estava sendo elaborado pelo Executivo. Portanto, a atitude da assessoria do vereador foi vista, pelos adversários como "a gota d'água" gerando um processo de cassação de mandato que resultou (antes do julgamento final) no afastamento do vereador da Casa. O assessor responsável pela divulgado já foi demitido. Mas isso não foi suficiente. O vereador autor desta denúncia, Julinho do Aeroporto (PMDB), alega "uso indevido da imagem dos vereadores". Agora, nesta entrevista concedida com exclusividade ao Expresso, Danilo fala sobre seu afastamento e sobre outras questões polêmicas da casa, como a CPI que investiga o Sistema Integrado de Transportes e o Plano de Cargos e Salários dos professores municipais. "Pode escrever aí. O objetivo de meu afastamento não foi apenas o deslize de meu assessor. Há um interesse político grande por

ANDRÉ CABRAL

Único vereador de oposição no meio de 11 governistas, Danilo Funke tem por diversas vezes provocado a ira de seus colegas de tribuna

trás disso tudo", disse. Expresso Regional - Danilo, como você enxerga todo este processo de cassação que você enfrenta. Acredita que seja perseguição política. Danilo - Sem querer fazer acusações ou alegações levianas acredito que todo este processo é, no mínimo lamentável. Como homem público não vou aqui especular sobre sua verdadeira motivação. Mas deixo aqui uma dúvida: será que a Câmara estaria movendo este processo se eu não fosse o único vereador de oposição? Infelizmente Macaé está entrando na história pelo posicionamento de uma

Câmara que afastou - e pode até cassar - um vereador que não cometeu nenhum crime político e nem está envolvido em nenhum caso de corrupção. Houve um deslize de minha assessoria. Deslize este já foi punido com a demissão do assessor e o meu afastamento, sem julgamento. Agora eu posso ser o primeiro vereador da história de Macaé a ser cassado. Será que nenhum vereador daquela Casa não cometeu erros até mesmo mais graves do que este? Porque comigo o tratamento está sendo mais severo? Expresso Regional - Então

você acredita em perseguição política. Danilo - Como disse anteriormente, é leviano afirmar isso. Apesar de tudo acredito na coerência política dos vereadores. O que estou colocando aqui são questionamentos que a própria população me faz. Não sou melhor do que ninguém e nem tampouco quero assumir o papel de vítima. Só que para mim esta situação é no mínimo muito, muito estranha. Seria inclusive cômica se não fosse trágica. Expresso Regional - Você acredita que conseguirá voltar à Câmara?

Danilo - Eu quero voltar à Câmara para exercer o papel que a população me confiou. Agora o julgamento é político, não técnico. Se os vereadores da situação quiserem me cassar, eles vão. Eles têm a maioria, portanto, poder para fazer isso. Mas tenho confiança que conseguiremos reverter este quadro. Até mesmo porque acredito na máxima de que "A Justiça é mais forte que o poder". Expresso Regional - E se você for cassado? Danilo - Como eu sempre falo, eu sou um militante político. Não um político profissional.

Comissão Especial vai investigar super compra de carne em hospital Vereadores de Macabu aprovam a criação de Comissão Especial de Inquérito, que tem peso de CPI Pouco mais de uma semana do Jornal Expresso Regional trazer com exclusividade a denúncia de superfaturamento de compras no Hospital Ana Moreira, a Câmara Municipal de Conceição de Macabu aprovou a criação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) para apurar a gravidade das denúncias. Além do Hospital, também serão investigados os gastos da Secretaria Municipal de Saúde e do Fundo Municipal de Saúde, nos anos dos três primeiros anos do Governo Lídia "Tedi" Mercedes (PT). A CEI é formada pelos vereadores Túlio Gabriel (PRB - presidente), Luciano Tavares (PP relator) e Márcio Alves (PSDC membro titular). A aprovação da Comissão aconteceu de maneira quase unânime do plenário, na sessão do dia 06 de junho. Diante da divulgação dos dados pelo jornal, que apontou a compra de 3,3 toneladas de carnes e peixes para um período de 61 dias, os vereadores apresentaram o pedido de criação da Comissão, como uma maneira de dar uma resposta a sociedade. O vereador em exercício Carlos Augusta, o Guta (PT), suplen-

ARQUIVO

Túlio Gabriel (PRB) vai presidir a Comissão que apurará as denúncias te do vereador licenciado Cláudio Ramalho (PV), que ocupa a Secre-

taria de Serviços Públicos, votou contra a criação da comissão, mas,

diante dos votos favoráveis dos colegas, chegou a pedir ao presidente para "mudar o voto", o que foi negado. Após a aprovação da Comissão, veio uma nova votação para definir os membros e seus cargos. E novamente, o líder do governo tentou tumultuar a sessão, pois queria assumir a presidência. "Eu, como sendo da bancada do Governo, posso conseguir muito mais informações sobre o hospital, ao contrário daqueles que já foram do governo e escondem as coisas do passado", desafiou o vereador contra um dos colegas. Posto em votação, os vereadores da oposição ignoraram os apelos de Guta, votaram contra e escolheram Túlio como presidente. A Comissão, que tem o mesmo poder de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), tem 60 dias, prorrogável por igual período, para apresentar resultados de suas apurações e conclusão dos fatos. De acordo com a gravidade do que for apurado, a Comissão pode pedir a cassação do mandato da Prefeita Tedi ou o afastamento dos envolvidos. ENTENDA O CASO - O caso envolvendo a compra exacerbada de carnes para o Hospital Ana

Moreira foi levado a plenário pelo vereador Luciano Tavares, depois da participação em uma das reuniões do Conselho Municipal de Saúde. Em seu discurso, o vereador apresentou a ata da reunião, apontando os números apurados pelo Conselho em análise das notas emitidas pelo Fundo Municipal de Saúde, em face às compras feitas pela Secretaria Municipal de Saúde. Nestas notas, foi descoberta a compra (só para os meses de outubro e novembro de 2010) de 3,3 toneladas de carne, sendo 570 quilos de filé de peixe, 1.460 quilos de carne vermelha (entre patinho, músculo e acém) e 1.270 quilos de carne de frango (entre coxa e sobrecoxa - mil quilos - e 270 quilos de peito de frango). Se analisado o fato de uma refeição para uma pessoa em convalescência ter uma porção de 100 gramas de carne (em média), o montante de carne seria o suficiente para alimentar 33 mil pessoas em dois meses ou 540 refeições em cada um dos 61 dias entre outubro e novembro. A secretaria informou que, no mesmo período foram fornecidas 140 refeições, que daria um total de 380 gramas de carne por

Se 1.900 eleitores me colocaram para representá-los, não serão 11 vereadores que o conseguirão. Acredito que eu não perderei o mandato que na verdade não é meu e sim dos eleitores que me puseram lá. Mas, caso este mandato seja arrancado, continuarei ao lado da população, militando as causas em que milito há 15 anos. Minha tribuna é o povo. Expresso Regional - Quanto às comissões em tramitação na Câmara, como a CPI da SIT e a comissão permanente de Educação, da qual o senhor era presidente. Como ficou o andamento delas com o seu afastamento? Danilo - É muito pertinente esta pergunta. E ela nos leva a outro questionamento. Porque será que a CPI da SIT ficou parada este tempo todo e, justamente depois de eu ser afastado ela começa a andar em alta velocidade? Todos sabem que desde o início eu tenho levantado denúncias a respeito do transporte público macaense, inclusive indo às ruas fazer manifestações contra o aumento das passagens. No entanto, a presidência da Casa não permitiu que eu estivesse na comissão nem como membro; me puseram como suplente. É engraçado que em todo governo democrático, uma CPI investigando algo público é dirigida pela oposição. Mas em Macaé são os vereadores do governo que tomaram frente. Pode anotar aí: torço que minha volta seja breve para que esta CPI não termine em Pizza. Outra questão é sobre o Plano de Cargos e Salários dos Professores. A questão estava emperrada no governo e só começou a caminhar após o meu afastamento. Tenho certeza que tanto o relatório da CPI quanto a questão dos professores serão resolvidas antes de minha volta. Certamente há um objetivo político por trás disso tudo.

VITOR NUNES

Campanha orienta o povo contra as DST’s Durante todo o dia da última sexta-feira, 10, na Praça Feliciano Sodré, no Centro de Casimiro de Abreu, mais de 250 pessoas foram atendidas pela equipe da Estratégia de Saúde da Família - ESF Mataruna, que orientou a população sobre DST/AIDS e Hepatites Virais. A ação local teve distribuição de panfletos e preservativos gratuitos, palestra educativa com a equipe de Educação em Saúde, vacinação contra hepatite e teste rápido anônimo de HIV, com resultado imediato. “Vacinamos 80 pessoas contra hepatite e aproximadamente 30 fizeram o teste rápido HIV”, revelou Ester Iecker, supervisora administrativa da ESF Mataruna. A testagem anônima do vírus HIV é disponibilizada pela rede municipal de saúde gratuitamente, na sede da Saúde Coletiva, toda sexta-feira. A mobilização, que envolveu alunos da rede municipal e estadual de ensino, Projeto Construir e Bolsa Auxílio, atingiu na maioria jovens. O grupo teatral da Fundação Cultural fez uma esquete abordando o assunto.


Skate e rock and rol sob a ponte Rosinha

Elymar Santos em Casimiro de Abreu

O projeto experimental da Fundação Municipal de Esportes (FME), que uniu skate e rock and roll no último sábado, na quadra de Basquete de Rua e atividades Urbanas Hugo Saldanha, foi um verdadeiro sucesso. A concepção do projeto é do diretor de Esportes Radicais, Romeu Lins, que percebeu a proximidade entre o esporte e o estilo musical. Duas bandas abriram o projeto: Horal 269 e a banda Eixo Nacional.

A tradicional Festa de São João Batista, no distrito de Barra de São João, em Casimiro de Abreu, começa no próximo dia 23. A festa vai até o dia 26 de junho e acontece na Praça As Primaveras. O evento contará com shows, apresentação de quadrilhas, comidas típicas e alvorada. Na sexta-feira, 24, a grande atração da noite será o show do cantor Elymar Santos, que irá interpretar grandes sucessos de sua carreira, às 22 horas.

CASIMIRO DISCUTE O AMBIENTE

13

EXPRESSO REGIONAL 12 a 18 de junho de 2011

ANTÔNIO LEUDO

Município realizou Fórum Ambiental para debater o tema em todos os quatro distritos Durante a semana que comemorou o Dia Mundial do Meio Ambiente (celebrado no dia 5 de junho), a Prefeitura de Casimiro de Abreu, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, decidiu chamar todos os cidadãos para discutir o tema. E o palco para esta participação popular foi o Fórum Ambiental de Casimiro de Abreu, realizado em todos os distritos durante a última semana. O lançamento do Fórum aconteceu na segunda-feira (dia 06), no Distrito Sede e, a partir do segundo dia, em Professor Souza, já estava percorrendo os distritos com o tema "Florestas: a natureza a seu serviço", ressaltando a ligação entre a qualidade de vida e a saúde das florestas e ecossistemas. Dezenas de estudantes do ensino fundamental da escola do Distrito foram acompanhar a apresentação. Temas como reciclagem e preservação da água potável foram discutidas na audiência. "Todas estas plenárias servirão para colher as opiniões e sugestões da população de Casimiro de Abreu, para que elas possam fomentar as discussões durante a 2ª Conferência Municipal de Meio Ambiente, que acontecerá no fim do ano. Com base nessas demandas, vamos levantar as soluções ou indicações de resolução, afim de não começar uma discussão 'do zero'

WESLEI RADAVELLI

Secretário Maurício Paraguassu fez uma apresentação sobre a importância da coleta seletiva dentro de casa e as discussões possam fluir de maneira direta e objetiva", explicou o Secretário de Meio Ambiente, Maurício Paraguassu. O secretário destacou ainda que as questões apontadas pelos moradores ajudarão a Prefeitura a monitorar áreas que não estão sob constante vigi-

lância, além de incentivar uma participação mais efetiva por parte da população. "Este espaço do Fórum funcionam como uma prévia, mas é aberta a todos os cidadãos e não somente aqueles que fazem parte de associações ou entidades organizadas. Qualquer um

Projeto de incentivo a leitura Ônibus itinerante de projeto da Itapemirim está em Rio das Ostras Durante as próximas duas semanas, o ônibus de leitura do Projeto Biblioteca Móvel, conduzido pela Viação Itapemirim, estará em Rio das Ostras, levando mais opções de livros e incentivando a prática da leitura a grande parte dos cidadãos. O projeto consiste em um ônibus que circula por diferentes pontos do país, levando consigo um acervo de mais de dois mil exemplares de livros, revistas e periódicos. O ônibus já acolheu cerca de 265 mil pessoas, em mais de 200 localidades de 19 estados. Em Rio das Ostras, o projeto chegou na última terça-feira (07), onde ficou até a sexta-feira (10) atrás do Centro de Cidadania. A partir desta semana, entre os dias 14 e 25 de junho, o ônibus ficará estacionado na Praça São Pedro, no Centro, próximo à Concha Acústica. O ônibus adaptado tem telão, computadores, TV, vídeo, DVD, sistema de som, sofás, prateleiras com livros, mesas e cadeiras. Além dos monitores do projeto que via-

jam com a Biblioteca por todo Brasil, são convocados pessoas da cidade que queiram participar como voluntários. Atualmente quatro pessoas estão atuando no projeto, sendo dois monitores da empresa e dois monitores cedidos pela Secretaria de Educação de Rio das Ostras. De acordo com Daniel Rodrigues dos Santos, um dos monitores do projeto, a Biblioteca Móvel conta com um acervo de dois mil livros a disposição dos visitantes. "O nosso objetivo é incentivar a leitura em diferentes faixas de idade, convidando-os a visitar mais as bibliotecas de sua cidade e a ter um convívio mais freqüente com a leitura", explicou. Os monitores atuam na indicação de livros de acordo com a faixa de idade do leitor e também na leitura de histórias, no caso das crianças que ainda não sabem ler. Eles também oferecem outras atividades que incentivam a prática, como teatro de fantoches, atividades lúdicas e encenação de histórias. "Este é um espaço para todos os públicos, não somente para as crianças. Fora do ônibus, nós colocamos algumas revistas de assuntos gerais, que contemplam tam-

bém os adultos", afirmou Daniel. Uma das crianças que foi até o ônibus foi o pequeno Rodrigo dos Santos, de 5 anos. Acompanhado da irmã, Gleice, de 9 anos, Rodrigo disse que ainda não sabe ler, mas que adora ficar folheando os livros. "Eu gosto de ver as figurinhas", disse o menino, que estava ao lado do monitor Leandro Augusto, que contava as histórias para o pequeno leitor. As adolescentes Tamires de Andrade, Suzane Moraes e Letícia Santos, todas de 13 anos, voltavam da escola quando avistaram o ônibus e foram conhecer alguns livros diferentes. "O bom é que aqui tem alguns livros que não tem na biblioteca da escola. E também este ônibus é legal para que as crianças possam ver o que tem aqui", disse Tamires. "É bom ler uns livros diferentes", completou Suzane. O ônibus do Projeto Biblioteca Móvel está aberto a visitação de 9h30 às 17 horas, de segunda-feira a sábado, sendo que, das 10 às 12 horas e de 14 às 16 horas (entre segunda e sextas-feira), fica aberta somente para visitação das escolas convidadas. Nos demais horários e aos sábados, é aberta ao público em geral. A entrada é franca. WESLEI RADAVELLI

As adolescentes Tamires de Andrade, Suzane Moraes e Letícia Santos foram conhecer alguns livros

pode se expressar, tendo a sua opinião levada em consideração", completou Maurício. Quanto a avaliação do meio ambiente do município, Mauríxio Paraguassu destacou que Casimiro de Abreu possui um grande potencial, que ainda não é explorado turisticamente e co-

mercialmente. "A tradição que existia aqui no município era de não explorar o meio ambiente como fonte de recursos. Nós temos áreas aqui que estão em nível internacional, que precisam ser preservadas. É preciso incentivar para tirar proveito economicamente destas áreas. Este é um novo norte", explicou. No terceiro dia de discussões, o Fórum foi à Barra de São João, onde a população trocou ideias e sugestões sobre a preservação do Rio São João, uma das principais fontes de água doce da região. O encontro aconteceu no Museu Casa Casimiro de Abreu. Além do debate sobre questões ambientais do distrito, os participantes e alunos da rede municipal assistiram uma apresentação teatral do ator Adilson Araújo da Secretaria de Educação. Em seguida, a Secretaria de Meio Ambiente premiou o agricultor Milton Machado Alves e o ativista Eveli Bock com a medalha de mérito ambiental. Ambos são referência no município pelo trabalho que desenvolvem junto às comunidades. O Fórum Ambiental de Casimiro de Abreu foi encerrado na sexta-feira, dia 10, com uma plenária realizada na Câmara Municipal de Vereadores.

Campanha de vacinação contra Sarampo e Polio A Campanha de Vacinação contra a poliomielite (paralisia infantil) e o sarampo começa nesta segunda-feira (13) e termina no próximo sábado (18), quando será realizado o Dia D da campanha. A secretaria de Saúde de Macaé está disponibilizando 34 unidades de saúde que funcionam de 8h às 17h. Segundo a gerente do Programa de Imunização, Cláudia Campanati, irão receber a vacina contra pólio as crianças menores de cinco anos.Já as crianças com idade entre um e seis anos vão receber a vacina tríplice viral – que imuniza contra o sarampo, a rubéola e a caxumba. “Esperamos vacinar em torno de quatro mil crianças contra a pólio. Já contra o sarampo, a expectativa é de que seis mil crianças. Mesmo as crianças que tenham recebido a vacina contra sarampo até o mês de maio devem participar da campanha”, explicou. A coordenadora de Saúde Coletiva, a pediatra Laila Nunes, lembra ainda que desde 2008 quando foi realizada a última campanha contra o sarampo, o país não registrou nenhum caso da doença. “


Ed 295 a  

Edição 295 do Jornal Expresso Regional

Advertisement