Page 1


EDIÇÃO EDITION

Departamento de Artes da Imagem/ Escola Superior de Música , Artes do Espectáculo Instituto Politécnico do Porto SECRETARIADO SECRECTARIAT

Tiago Nogueira DESIGN

Telmo Sá FOTOGRAFIAS PHOTOGRAPHS

Cláudia Pascoal, José Maçãs de Carvalho, Olívia da Silva, Patrícia Nogueira, Sérgio Rolando IMPRESSÃO PRINTING

Gráfica Maiadouro, S.A. DEPÓSITO LEGAL LEGAL DEPOSIT

xxxxxxxxxxxx ISBN

xxxxxxxxxx TIRAGEM PRINT RUN

500 exemplares DATA DATE

Porto, Jul 2015


BOTICAS —O REAL DOCUMENTADO O REAL FICCIONADO Boticas — The Documented Real The Fictionated Real


No âmbito da parceria estabelecida entre o Município de Boticas e a Escola Superior de Música, Artes e Espetáculo (ESMAE) do Instituto Politécnico do Porto, que permitiu a realização em Boticas, nos meses de Maio e Junho, das “residências artísticas”, temos agora o grato prazer de apreciar um conjunto de exposições e filmes que são o resultado de um intenso e empenhado trabalho dos alunos que desenvolveram os seus projectos ao nível da fotografia, do documentário e da ficção. Os seus trabalhos permitem-nos ver o concelho de Boticas e as nossas gentes de uma outra perspectiva, trazendo ao de cima as raízes e as vivências do dia a dia dos homens e mulheres que assumem um estatuto de heróis, lutando contra as adversidades e a rudeza da vida nestas regiões do interior do país, vendo espelhado o seu caráter e a sua forma de estar na figura emblemática do Guerreiro Calaico, verdadeiro ex-líbris do Concelho. Mais do que uma simples tarefa de recolha de elementos dispersos, estes trabalhos refletem muito da memória cultural e história das nossas gentes, contribuindo para a preservação dessa cultura e constituindo-se também como importantes instrumentos para dar a conhecer aquilo que é o Concelho de Boticas. Não posso também deixar de me congratular pelo forte envolvimento que os diferentes projectos desenvolvidos pelos alunos do ESMAE alcançaram junto da população local, que se envolveu e colaborou com eles, criando laços de amizade, sendo, por isso, naturais as expetativas criadas e a curiosidade em poder conhecer o resultado final destes trabalhos. Esta experiência e esta parceria, que, estou certo, se irá manter e estender, permitiu enriquecer culturalmente o nosso concelho e as nossa gentes e trará ainda mais vida a Boticas e aos seus espaços culturais nesta época do ano que representa o reencontro dos muitos emigrantes botiquenses com a sua terra e as sua famílias, e que terão, também eles, oportunidade de apreciarem este conjunto de exposições e manifestações artísticas que tempos o prazer de receber em Boticas.

4


FERNANDO QUEIROGA PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE BOTICAS


6


FERNANDO QUEIROGA MAYOR OF BOTICAS

Under the partnership between the City of Boticas and the School of Music, Arts and Entertainment (ESMAE) of the Polytechnic Institute of Porto, which allowed the realization in Boticas, in the months of May and June, the “artistic residencies,” we have now the great pleasure to enjoy a set of exhibitions and films that are the result of an intense and committed work of the students who developed their projects in photography, documentary and fiction. Their work allowed us to see Boticas county and our people from another perspective, bringing to the surface the roots and experiences of everyday life of men and women who assume a status of heroes, fighting against adversity and harshness of life in these regions of the country, seeing mirrored their character and their way of being the figurehead of “Calaico Warrior”, real “ex-libris” of the municipality. More than just a collection of scattered elements of task, these works reflect a lot of cultural memory and history of our people, contributing to the preservation of this culture and also establishing itself as important tool to know and understand the history of the municipality of Boticas. I must also congratulate myself for the strong commitment of the development of different projects by students of the Institute “ESMAE” reached the local population, who were involved and collaborated with them, creating bonds of friendship, and therefore natural expectations and created curiosity to be able to recognize the final outcome of this work. This experience and this partnership, which I am sure, it will maintain and extend, allowed culturally to enrich our county and our people and will bring even more life to Boticas and its cultural spaces at this time of year is the reunion of the many emigrants of our county with their country and their families, and have themselves also opportunity to appreciate this set of exhibits and artistic events that we are pleased to welcome in Boticas.


ANTÓNIO AUGUSTO AGUIAR PRESIDENTE DA ESMAE/IPP

a esmae é a escola de Artes do Instituto

Politécnico do Porto e tem como foco a formação de profissionais altamente qualificados nas áreas da Música, do Teatro e das Artes da Imagem, mediante o ensino e a prossecução de atividades de extensão de forte componente prática, englobando atividades transversais no domínio das artes do espetáculo. Apesar do inequívoco valor e prestígio dos alumni desta escola, largamente visível e difundido pelos prémios em concursos nacionais e internacionais, assim como da colocação dos nossos alunos nos principais palcos e estruturas culturais portuguesas, a esmae aspira à constituição de uma oferta formativa que impulsione os seus formandos para a transformação do tecido cultural português de uma forma enérgica e consciente do potencial nacional. Com o acolhimento dos mais recentes cursos de mestrado e de pós-graduação, a esmae alarga a sua paleta formativa e

8

desenvolve agora o seu projeto através do seu centro de investigação, nimae, completando o acesso no 3º ciclo em parceria com a Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. O desenvolvimento das atividades ligadas ao festival de Teatro do set, do Ciclo de Fotografia e Cinema Documental iri ou do papel do Teatro Helena Sá e Costa são veículos da interação entre escola e comunidade, não esquecendo um Festival de Música de dimensão Internacional como o “harmos”, ferramentas incontornáveis na projeção e visibilidade da marca ipp, dentro e fora do país. Conscientes da importância do contacto real entre os alunos e o meio que os circunda, a esmae desenvolve parcerias com a sociedade e com o mundo, como é o caso desta residência artística em Boticas, a quem enviamos uma saudação muito especial.


10


ANTÓNIO AUGUSTO AGUIAR ESMAE/IPP PRESIDENT

ESMAE is the Arts school of Porto Polytechnic Institute, focuses on training highly qualified professionals in the areas of Music, Theatre and Image Arts, through education and the pursuit of strong practical component of extension activities, encompassing transversal activities in the field of performing arts. Despite the unequivocal value and prestige of the alumni of this school, widely visible and widespread trough prizes in national and international competitions, as well as the placement of our students in the main stages and Portuguese cultural structures, ESMAE aspires to set up a training offer to boost their graduates for the transformation of Portuguese cultural structure in an energetic way and conscious of the national potential. With the the latest Master’s and postgraduate, ESMAE extends its formative palette

11

and now develops its project through its research center, NIMAE, completing the access to a 3rd cycle graduation in partnership with the Fine Arts Faculty of Porto University. The development of activities related to SET Theatre Festival, the cycle of Photography and Documentary Film IRI or role of Helena Sá Costa Theater, “HARMOS” International Music Festival are vehicles of the interaction between the school and the community, as tools giving visibility to the IPP brand inside and outside the country. Aware of the importance of real contact between the students and the environment that surrounds them, the ESMAE develops partnerships with the community and the world, as is the case of this artistic residency in Boticas, to whom we send a very special greeting.


A Escola Superior de Música, Artes e Espetáculo do Instituto Politécnico do Porto (que comemora 30 anos em 2015), através do Departamento de Artes da Imagem, promove no âmbito de uma formação de 2º ciclo, o Mestrado em Comunicação Audiovisual com uma especialização em Fotografia e Cinema Documental e uma Especialização em Produção e Realização Audiovisual, uma formação artística de cariz profissionalizante nas áreas da Fotografia Documental, do Cinema Documental e do Cinema de Fição.

Em 2015, na região de Boticas deu-se continuidade às Residências Artísticas envolvendo pela primeira vez alunos das duas Especializações do Mestrado: Fotografia e Cinema Documental; Produção e Realização Audiovisual.

O Mestrado em Comunicação Audiovisual combina uma vertente conceptual a uma prática suportada em técnicas e tecnologias profissionais com vista ao desenvolvimento artístico de projetos nas áreas da Fotografia Documental, do Documentário e do Cinema.

Os projetos desenvolvidos deram lugar à publicação que agora se apresenta o catálogo “Boticas: o real documentado/ o real ficcionado” que documenta os trabalhos realizados nas áreas da fotografia, do documentário e da ficção. Fazem igualmente parte do projeto um conjunto de exposições de fotografia apresentadas na Câmara Municipal de Boticas e no Centro de Artes Nadir Afonso, assim como as projeções dos documentários e das curtas-metragens de ficção que foram rodados em Boticas.

O processo de formação do Mestrado pressupõe uma componente que se realiza através de residências artísticas que se têm realizado fora do Porto em localidades protocoladas com diferentes autarquias. Nos anos de 2010, 2011, 2013 foram desenvolvidos projetos de residência Artística com Arouca, na Serra da Freita, com Montalegre, nas Minas da Borralha e com Mesão Frio, no Douro.

14

O apoio da Câmara Municipal de Boticas que acolheu a Residência Artística desde o primeiro momento, e o apoio inexcedível ao desenvolvimento de todos os projetos permitiram tornar aparentemente fácil um logística que envolveu os alunos e docentes do mestrado.

Há igualmente a intenção de mostrar os trabalhos realizados em Boticas em outros locais do país, nomeadamente no Porto no âmbito do IRI 2015.


DEPARTAMENTO DE ARTES DA IMAGEM MESTRADO EM COMUNICAÇÃO AUDIOVISUAL ESPECIALIZAÇÃO EM FOTOGRAFIA E CINEMA DOCUMENTAL PRODUÇÃO E REALIZAÇÃO AUDIOVISUAL


16


Residência Artística de Fotografia e Cinema Documental e Produção e Realização Audiovisual “Boticas: o real documentado / o real ficcionado é um projeto de residência artística de fotografia e cinema documental e de produção e realização audiovisual do Mestrado em Comunicação Audiovisual realizado no decurso do desenvolvimento de uma prática fotográfica e cinematográfica no segundo semestre letivo do primeiro ano curricular do curso. Com a residência artística procurou-se aplicar e consolidar competências no conhecimento técnico-científico e artístico nas áreas da imagem documental e da imagem ficcional. Nas áreas da Fotografia e do Cinema Documental, numa primeira abordagem foi realizado um levantamento de temáticas atuais através da recolha do que, já se tinha escrito, filmado ou fotografado sobre a região. Depois selecionaram-se histórias pessoais, institucionais, que descreviam o passado, o presente, que enquadravam os objetivos de estudo dos aspetos sociais e culturais de um património imaterial. Seguiu-se uma forte ligação aos lugares, às gentes da região de Boticas através de visitas realizadas na pré-produção que decorreram com uma periodicidade regular. Surgiu a permanência por localidades com pontos de vista que partilham vivências pessoais com pessoas que mantêm um percurso de vida sem grandes percalços e aqueles que, por razões que lhes são adversas, não conseguiram essa normalidade. Estes são as famílias que se dedicam à agricultura uma vida inteira, uma companhia de teatro que mantém uma periodicidade de apresentações anuais,

um fotógrafo que procura competir com as diferentes evoluções técnicas e comerciais, o deslumbre pela preservação da paisagem natural e o convívio desta com a que o homem transformou para sobrevivência, a criação de histórias ficcionadas que de uma ou de outra forma envolveram espaços e pessoas de Boticas e de outras partes do país. A presença da normalidade fez-se sentir através do apego natural do homem à paisagem, aos animais domésticos, às tradições musicais, ao desporto, ao cultivo e comercialização nacional. No desporto o investimento transversal de diferentes gerações e géneros, maioritariamente, no futsal através da criação do complexo desportivo da cidade. Ou manter e espalhar as tradições como as Chegas de Bois ou Festa das Flores de Nogueira. Nas áreas da Produção e da Realização Audiovisual os projetos desenvolveramse em diferentes fases, num primeiro momento todos os alunos escreveram um argumento para uma curta-metragem, dando posteriormente lugar a uma seleção pelos docentes com a escolha de dois argumentos. Seguidamente deu-se início ao trabalho de organização das equipas técnicas e artísticas, que continuou no processo da pré-produção das curtas, para culminar no período de filmagens em Boticas. No processo de escolha de atores para os filmes, foi realizado um casting em Boticas, de modo a poder incorporar atores locais. Neste processo foi relevante a colaboração do grupo de Teatro Forum Boticas. Após as filmagens, as equipas regressaram ao Porto onde desenvolveram todo o processo de pós-produção até à conclusão final dos projetos.


Documentalismo, ficção, imagem fixa, imagem em movimento e imagem e som, são quatro das coordenadas que fluem dos resultados dos projetos concretizados em Boticas: o real documentado / o real ficionado. Gentes ou paisagem, espaços ou lugares, dimensão individual ou coletiva representam a análise profunda de uma proximidade observacional e, outras vezes, participativa de uma representação imagética essencial para uma leitura visual mais contemporânea do quotidiano, deixa de ser um obstinado e completo mistério, para ser revelado e mostrado no espaço público. Por trás de cada um dos projetos fotográficos, fílmicos documentais ou ficcionados, há um conhecimento da linguagem fotográfica ou cinematográfica e sobretudo, dos códigos visuais da atualidade em que a fotografia, a direção de fotografia, o som, a iluminação, transformam-se na forma estética de precisão extrema, na mistura quase imperfectível entre a beleza natural de uma realidade e a interpretação visual da mesma. São imagens que ouvimos e vemos, como a de um de um tear num espaço contiguo, uma mesa que se põe para o almoço de domingo, um palhaço que sobre ao palco do auditório de Boticas, a casa vazia de um emigrante em França, de um estábulo do tratador de carne barrosã, uma bola que bate na terra batida de um campo de futebol amador, um rosto suado e nervoso de quem luta pelo seu animal numa Chega de Bois ou a sonorização de imagens que evocam a memória dos lugares paradisíacos dos acasalamentos de anfíbios.

OLÍVIA MARQUES DA SILVA COORDENADORA DO MESTRADO RESPONSÁVEL PELA ÁREA DE FOTOGRAFIA DOCUMENTAL JOSÉ QUINTA FERREIRA DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE ARTES DA IMAGEM

18

Outras situam-se entre um estudo cenográfico com base na repetição, onde a preocupação com a concepção pictórica e o documentalismo se conjugam utilizando de forma reiterada a representação explicitamente colaborativas de gente que nasceu ali, ou que faz um percurso noturno entre o fado musical e o fado da vida e, finalmente, o retorno à terra, ao rio e às histórias dos reis portugueses. Boticas: o real documentado, o real ficcionado desenvolveu um equilíbrio essencial entre a acuidade fina de transpor para a imagem e som a estreita ligação da percepção visual respeitadora do tempo e do espaço dos outros, onde a invasão dos espaços é colaborativo, entre quem vê e quem se deixar ver. Acedeu-se ao real documentado e ao real ficcionado, como suporte objetivo, para se dar rédea solta às interpretações sobre o real existente. São estas as obras de autores que transformaram o registo inicial em objetos de estudo artísticos finais de exibição pública materializadas através de um conjunto de exposições fotográficas e de quatro filmes (dois documentários e duas curtasmetragens de ficção). Acreditamos que um projeto de residência é, fundamental, para se estabelecer princípios técnicos, éticos e estéticos, para o progresso académica de futuros profissionais nesta área do documentalismo e da ficção. Assim com, pôr ao alcance dos mestrandos uma estreita ligação entre escola e mundo profissional com leituras pessoais e abertas sobre temas à escolha permitiram uma inquestionável consideração pela função social e cultural deste município.


IMAGE ARTS DEPARTMENT MASTER IN AUDIOVISUAL COMMUNICATION SPECIALIZATION IN PHOTOGRAPHY AND DOCUMENTARY FILM AUDIOVISUAL PRODUCTION AND DIRECTING

The School of Music, Arts and Performing Arts from Porto Polytechnic Institute (celebrating 30 years in 2015), through the Image Arts Department, promotes the 2nd cycle Master in Audiovisual Communication with a specialization in Photography and Documentary Film and a Specialization in and Audiovisual Production and Directing, an artistic training of professional nature in the areas of Documentary Photography, Documentary Film and Fiction Film. The Master in Audiovisual Communication combines a conceptual component to a practice supported by technical and professional technologies for the artistic development of projects in the areas of Documentary Photography, Documentary and Film. The Masters training process requires a component that takes place through artistic residences that have taken place in locations outside Porto through agreements with different municipalities. In the years 2010, 2011, 2013, have been developed Artistic Residence projects with Arouca, Serra da Freita, with Montalegre, Minas Borralha and Mesão Frio, Douro. In 2015, in Boticas region was continued the Artist Residencies involving for the first time students of the two specializations of the Master: Photography and Documentary Film; Audiovisual production and realization. The Boticas Municipality support, which hosted the Art Residency supporting all projects, facilitated their achievement, which involved master students and teachers. The implemented projects led to a publication now presented the catalog “Boticas: The Documented Real / The Fictionated Real” documenting the

students work in the fields of photography, documentary and fiction. Are also part of the project, photography exhibitions presented at Boticas Municipality and Nadir Afonso Arts Center, complemented with documentaries and fictional short films projections of films shot in Boticas. There is also the intention to show the works done in Boticas elsewhere in the country, particularly at Porto city under the IRI (Imagens do Real Imaginado) 2015. Artistic residence: Photography and Documentary Film and Audiovisual Production and Directing “Boticas: The Documented Real / The Fictionated Real” is an artist residency project in the areas of photography, documentary cinema and audiovisual production and realization of the Audiovisual Communication Master. In the areas of Photography and Documentary Film, first was carried out current thematic survey by collecting what was already written, filmed or photographed on the region. After was selected personal, institutional histories, describing the past, present, this framed the study goals of social and cultural aspects of intangible heritage. This process was followed by a strong connection to the places and the people of Boticas region through visits in pre-production that took place at regular intervals. In the next phase the students stayed at different locations with views to share personal experiences with local people who maintain a life path without major mishaps and those who, for reasons that are adverse to them, did not have a normal life. Families engaged in farming a lifetime, a theater company that maintains a periodicity of annual submissions, a photographer who seeks to compete with different technical and commercial


developments, the dazzle for the preservation of the natural landscape and the conviviality of this with the man turned to survival, the creation of which a fictional story or otherwise wrapped and spaces Boticas people and other parts of the country. Normality was felt through the natural attachment of man to the landscape, to domestic animals, musical traditions, to sport, to the culture and national marketing. In sport area the investment from different generations and genres, mostly in futsal by creating a sports complex in the city. Or maintain and spread the traditions with ox’s “Chega de Bois” or the flowers festivity “Festa das Flores” of Nogueira. In the areas of Production and Audiovisual Directing, projects have been developed at different stages. At first all the students wrote a script for a short film, after the teachers choose two scripts. Then it was started the pre-production beginning with the selection of the technical and artistic teams, to culminate in the period of the shooting in Boticas. For the choice of the actors for the film, a casting was held in Boticas, creating the possibility to incorporate local stakeholders. In this process was relevant the collaboration of Theatre Forum Boticas. After the shooting the teams returned to Porto city where they developed the entire post-production process until the final completion of the projects. Documentaries, fiction, still image, moving image and picture and sound are coordinates that flow of project results achieved in Boticas: The Documented Real / The Fictionated Real. People or landscape, spaces or places, individual or collective dimension representing depth analysis of an observational proximity and, sometimes, a participatory imagery representation essential to a more contemporary visual reading of daily life, nevertheless a stubborn and complete mystery, it is revealed and shown in public space. Behind each photo projects, documentary or fictional, is a knowledge of photographic or cinematic language and above all, of today’s visual codes in which photography, cinematography, sound, lighting, turn-on form extremely accurate aesthetics, almost imperfective blend of natural beauty a reality and the visual interpretation of it.

OLÍVIA MARQUES DA SILVA MASTER COORDINATOR DAI/ESMAE/IPP DOCUMENTARY PHOTOGRAPHY AREA RESPONSIBLE JOSÉ QUINTA FERREIRA IMAGE ARTS DEPARTMENT DIRECTOR DAI/ESMAE/IPP

20

These are images that we hear and see, such as one of a tear in a contiguous space, a table that sets for Sunday lunch, a clown on the Boticas auditorium stage, the empty home of an emigrant in France from a stable of “barrosã” meat handler, a ball hitting the dirt of an amateur football field, a sweaty and nervous face of those who fight for their animal in “Chega de Bois” or the sound of images that evoke the memory of the beautiful places of amphibians mating. Others are among a scenic study based on repetition, where concern for the pictorial design and the documentaries are combined using repeatedly explicitly collaborative representation of people born there, or making a night journey between the music, fado and life, finally returning to land, the river and the stories of the Portuguese kings. “Boticas: The Documented Real / The Fictionated Real” developed an essential balance between fine acuity to transpose the image and sound the close connection of visual perception respectful of the time and space of others, where the invasion of spaces is collaborative between the beholder and who let you see. Have accessed to The Documented Real / The Fictionated Real, as support goal, to give free rein to interpretations of the existing real. These are the works of authors who have turned the initial registration study in late artistic objects of materialized public viewing through a series of photographic exhibitions and four films (two documentaries and two fiction short films). We believe that art residence projects are crucial to establish technical, ethical and aesthetic principles for the academic progress of future professionals in this area of documental and fiction. So putting the student masters in a close link between school and the professional world with personal and open lectures on topics of your choice allowed an unquestioned consideration for the social and cultural function of this municipality.


trabalhos works

21


PROD AUD Audiovisual Production and Directing


DUÇÃO E REALIZAÇÃO DIOVISUAL


Jorge, um palhaço, descobre que o seu antigo companheiro Marco, também palhaço, tem agora um relacionamento com Luísa, uma equilibrista. Sentindo-se traído, por via do relacionamento anterior mal resolvido e de um ciúme obsessivo, Jorge decide reaver Marco, tentando ocupar o lugar de Luísa. Jorge, a clown, finds that his former lover Marco, also a clown, is now involved with Luísa, an equilibrist. Betrayed and fueled by an obsessive jealousy from this unresolved love affair, Jorge engages in a mad plot to rejoin Marco.

24


PALHAÇOS PEDRO CRISPIM | ANDREIA ALVES DA SILVA | PEDRO LOPES RICARDO LEITE | TIAGO CARDOSO | MIGUEL ÂNGELO PEREIRA CLÁUDIA PASCOAL | FILIPE LITO | EDUARDA BRANDÃO | TIAGO RAMIRO


26


28


ANO YEAR 2015 TÍTULO TITLE Palhaços CATEGORIA CATEGORY Ficção Fiction REALIZADOR DIRECTOR Pedro Crispim ATORES CAST Jorge Paupério, André Júlio Teixeira,

Inês Curado, Paulo Pires 1º ASSISTENTE DE REALIZAÇÃO 1ST ASSISTANT DIRECTOR Pedro Lopes 2º ASSITENTE DE REALIZAÇÃO 2ND ASSISTANT DIRECTOR Tiago Ramiro DIÁLOGOS E ARGUMENTO DIALOGUE AND SCRIPT Pedro Crispim DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA CINEMATOGRAPHY Miguel Ângelo Pereira ASSISTENTE DE IMAGEM IMAGE ASSISTANT Filipe Lito DIREÇÃO DE ARTE ART DIRECTION Cláudia Pascoal DIREÇÃO DE SOM SOUND DIRECTION Tiago Cardoso ASSISTENTE SOM SOUND ASSISTANT Eduarda Brandão MONTAGEM EDITING Pedro Crispim, Pedro Lopes MÚSICA MUSIC Tiago Moreira CARATERIZAÇÃO MAKE-UP Susana Pinto DURAÇÃO RUNTIME 14’ FORMATO ASPECT RATIO Full HD 1920x1080 2:35:1 PRODUTOR PRODUCER Andreia Alves da Silva ASSISTENTE DE PRODUÇÃO PRODUCTION ASSISTANT Ricardo Leite PRODUÇÃO PRODUCTION DAI/ESMAE/IPP FINANCIAMENTO FINANCING ICA, IPP/ESMAE

e Câmara Municipal de Boticas APOIOS SPONSOR Boticas Hotel, Boutique do Pão, Grupo de Teatro

Fórum de Boticas, Laboratórios Multimédia – esmae, Mascarilha, Padaria Boticas - Sabores da Montanha, Sítio do Cano Amarelo, IPP 30 Anos WEBSITE www.imdb.com/title/tt4761878/?ref_=fn_al_tt_1 www.facebook.com/pages/Palhaços/481117358710042?ref=hl

PEDRO CRISPIM | taxidriver_2@hotmail.com ANDREIA ALVES DA SILVA | andreiacalvessilva@gmail.com PEDRO LOPES | lopes.pedromoreira@gmail.com RICARDO LEITE | ricardoleite.cinema@gmail.com TIAGO CARDOSO | tiagogomescardoso@hotmail.com MIGUEL ÂNGELO PEREIRA | migueladp92@gmail.com CLÁUDIA PASCOAL | pascoalwork@hotmail.com FILIPE LITO | filipelito@gmail.com EDUARDA BRANDÃO | iameduardabrandao@gmail.com TIAGO RAMIRO | tiago.pinto.kc@gmail.com


Na adolescência, os primeiros contactos com o amor podem ser os mais marcantes. Miguel vive com a sua mãe e passa os dias num recatado e apático ambiente rural. Ana, acabada de chegar à vila, promete alterar um pouco a sua rotina. Para aprender respirar, Miguel terá contornar o dissabor. In adolescence, the first contact with love may be the most memorable. Miguel lives with his mother and spends his days in a secluded rural setting. Ana, a newcomer in the village, promises to slightly change his routine. To learn to breath, Miguel will have to bypass the unpleasantness .

30


RESPIRAR TIAGO RAMIRO | CLÁUDIA PASCOAL | EDUARDA BRANDÃO ANDREIA ALVES DA SILVA | TIAGO CARDOSO | FILIPE LITO | RICARDO LEITE MIGUEL ÂNGELO PEREIRA | PEDRO CRISPIM | PEDRO LOPES


32


34


ANO YEAR 2015 TÍTULO TITLE Respirar CATEGORIA CATEGORY Ficção Fiction REALIZADOR DIRECTOR Tiago Ramiro ATORES CAST Francisco Lima, Joana Africano,

Maria da Graça, Maria Lúcia da Silva, Damásio da Silva 1º ASSISTENTE DE REALIZAÇÃO 1ST ASSISTANT DIRECTOR Eduarda Brandão 2º ASSITENTE DE REALIZAÇÃO 2ND ASSISTANT DIRECTOR Pedro Lopes DIÁLOGOS E ARGUMENTO DIALOGUE AND SCRIPT Tiago Ramiro DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA CINEMATOGRAPHY Filipe Lito ASSISTENTE DE IMAGEM IMAGE ASSISTANT Miguel Ângelo Pereira DIREÇÃO DE ARTE ART DIRECTION Ricardo Leite DIREÇÃO DE SOM SOUND DIRECTION Tiago Cardoso ASSISTENTE SOM SOUND ASSISTANT Pedro Crispim MONTAGEM EDITING Tiago Ramiro e Eduarda Brandão DURAÇÃO RUNTIME 12’00’’ FORMATO ASPECT RATIO HD 16:9 PRODUTOR PRODUCER Cláudia Pascoal ASSISTENTE DE PRODUÇÃO PRODUCTION ASSISTANT Andreia Alves da Silva PRODUÇÃO PRODUCTION DAI/ESMAE/IPP FINANCIAMENTO FINANCING ICA, IPP/ESMAE

e Câmara Municipal de Boticas APOIOS SPONSOR Padaria de Boticas - Sabores da Montanha,

Boutique do Pão, Boticas Hotel, IPP 30 Anos

TIAGO RAMIRO | tiago.pinto.kc@gmail.com CLÁUDIA PASCOAL | pascoalwork@hotmail.com EDUARDA BRANDÃO | iameduardabrandao@gmail.com ANDREIA ALVES DA SILVA | andreiacalvessilva@gmail.com FILIPE LITO | filipelito@gmail.com TIAGO CARDOSO | tiagogomescardoso@hotmail.com RICARDO LEITE | ricardoleite.cinema@gmail.com MIGUEL ÂNGELO PEREIRA | migueladp92@gmail.com PEDRO CRISPIM | taxidriver_2@hotmail.com PEDRO LOPES | lopes.pedromoreira@gmail.com


CINEMA DOCUMEN Documentary Cinema

36


NTAL 37


Os caminhos do quotidiano são o reflexo de quem somos. Há, em cada ação, um pouco de nós. Do que fomos. Do que queremos ser. A vida é o encontro de múltiplos caminhos. Em todos eles, a vontade de chegar. The everyday paths are the reflex of who we are. In every action, there is a little bit of us. Of who we are. Of who we were. Of who we want to be. Life is the encounter of multiple paths. In every single one of them, the will to come.

38


TERRA-MÃE RICARDO COUTO | FÁBIO COELHO SARA LEMOS | SARA MARQUES


40


42


ANO YEAR 2015 TÍTULO TITLE Terra-Mãe CATEGORIA CATEGORY Documentário Documentary REALIZADOR DIRECTOR Ricardo Couto COM WITH Domingos Barreto, Francisco Barreto,

Glória Barreto (avó), Glória Barreto (neta), Sónia Malta DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA CINEMATOGRAPHY Fábio Coelho CÂMARA CAMERA Sara Lemos, Fábio Coelho SOM SOUND Sara Marques MONTAGEM EDITING Sara Lemos, Ricardo Couto CORREÇÃO DE COR COLOR GRADING Fábio Coelho PÓS-PRODUÇÃO SOM SOUND MIXING Sara Marques DURAÇÃO RUNTIME 28 mins FORMATO ASPECT RATIO HD 1920X1080 PRODUTOR PRODUCER Sara Marques PRODUÇÃO PRODUCTION DAI/ESMAE/IPP FINANCIAMENTO FINANCING ICA, IPP/ESMAE

e Câmara Municipal de Boticas APOIOS SPONSOR Câmara Municipal de Boticas, IPP 30 Anos

FÁBIO COELHO | geral@fabioncoelho.com RICARDO COUTO | ricardoftcouto@gmail.com SARA MARQUES | mmarques.sara@hotmail.com SARA LEMOS | saramiguellemos@gmail.com


Embarcamos numa viagem através de elementos reconhecíveis, do concelho de Boticas, sendo eles produto da intervenção do ser humano ou não, exploramos a ideia de procura de identidade desta região. A paisagem surge como o espaço onde Homem e Natureza se fundem, onde os limites que são traçados entre os dois universos se tornam visíveis. We embark on a journey through known elements that characterize the region of Boticas, as they sometimes are the product of human being actions, we explore the idea of an identity search about this territory. The landscape appears as a place where humankind and Nature come together, where the bonds between these two universes become visible.

44


TRANSEUNTE ANA ALMEIDA | BIANCA MARTINS NUNO SOARES | RUI LAMY


46


48


ANO YEAR 2015 TÍTULO TITLE Transeunte CATEGORIA CATEGORY Documentário Documentary REALIZADOR DIRECTOR Ana Almeida, Bianca Martins DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA CINEMATOGRAPHY Rui Pedro Lamy SOM SOUND Ana Almeida, Bianca Martins MONTAGEM EDITING Ana Almeida, Bianca Martins, Nuno Soares CORREÇÃO DE COR COLOR GRADING Rui Pedro Lamy PÓS-PRODUÇÃO SOM SOUND MIXING Ana Almeida, Bianca Martins DURAÇÃO RUNTIME 19” FORMATO ASPECT RATIO HD 1920X1080 PRODUTOR PRODUCER Nuno Soares PRODUÇÃO PRODUCTION DAI/ESMAE/IPP FINANCIAMENTO FINANCING ICA, IPP/ESMAE

e Câmara Municipal de Boticas APOIOS SPONSOR Câmara Municipal de Boticas, IPP 30 Anos.

ANA ALMEIDA | annasofia.almeida@gmail.com BIANCA MARTINS | bigiselle@hotmail.com NUNO SOARES | n.m.soares91@gmail.com RUI PEDRO LAMY | ruipedrolamy@gmail.com


FOTOGR D 50


RAFIA DOCUMENTAL Documentary Photography

51


Este projeto retrata as mulheres da aldeia de Nogueira, que através da sua dedicação e devoção constroem anualmente um tapete de verdes e flores no dia da festa de Santa Cruz. Estas festividades são comuns em aldeias do interior de todo o país, animando esses locais e embelezando a paisagem com as ornamentações florais. É através das mulheres de Nogueira, do seu gesto ao segurar um ramo, que se percebe a importância e papel relevante que têm naquele evento. Há, desta forma, uma relação estreita entre a mulher e a aldeia. This project portrays the women of Nogueira’s village. Every year they manifest their dedication and devotion through the making of flower carpets for the Santa Cruz festival’s day. These festivities are common in villages located in the countryside of Portugal, enlivening and gracing those places with flower ornaments. It is through the women in Nogueira and their gestures on holding the ornamental branches, that we can perceive the significant role they have in this events, contributing for a close relationship between them and the landscape.

IMPRESSÃO EM JATO DE TINTA SOBRE PAPEL ALGODÃO MONTAGEM EM PVC 5MM INKJET PRINT ON COTTON PAPER MOUNTED ON PVC 5MM 30 X 40 CM JOANAMACHADO1516@GMAIL.COM

52


LUGAR COM ROSTO JOANA MACHADO


54


“Um lugar que se desenha”: um ensaio visual sobre o território e as suas particularidades demográficas e organizacionais. Os campos de futebol de terra batida são parte de uma construção imagética. Inquieta a variação de campo para campo, a baliza como charneira, como apoio na perceção desta mutação do lugar. Ou seja, estes lugares, com funções semelhantes, ganham características próprias e díspares. Estas variações e alterações da paisagem refletem o percurso do autor no lugar. Encontrar, arquivar e selecionar. As imagens que resultam desta pesquisa enquadram-se pela presença de um retângulo central (baliza), que dá forma à construção e sequenciação dos lugares fotografados. As imagens desenham-se pelo enquadramento desta forma já existente no espaço: quem decide o enquadramento? O autor ou a forma? Esta dualidade é fulcral para a perceção da estrutura fotográfica apresentada. A abstração para uma representação de um determinado território. Um trabalho em torno dos percursos pelo lugar como forma de perceção e representação do mesmo. “Um lugar que se desenha”: a visual essay on the territory and its demographic and organizational particularities. The clay soccer fields are part of an imagery construction. Uneasy is the field-to-field variation, the football goal as a hinge, as the support in the perception of this place mutation. In other words, all these places with similar functions, earn characteristics both specific and disparate. These variations and landscape changes reflect the author’s path in site. To find, to archive and to select. The images resulting from this study are framed by the presence of a central rectangle (football goal), giving shape to the construction and sequencing of the photographed places. The images are drawn by this space’s already existing framework: who decides the framework? The author or the form? This duality is key to the perception of the presented photographic structure. The abstraction towards the representation of a particular territory. A work around the pathways of the place as a means of perception and representation of it.

IMPRESSÃO EM JATO DE TINTA SOBRE PAPEL ALGODÃO PAPEL SOBRE PAREDE INKJET PRINT ON COTTON PAPER PAPER ON THE WALL 100 X 80 CM WWW.JOAOGIGANTE.COM

56


UM LUGAR QUE SE DESENHA JOÃO GIGANTE


58


Quando falamos de família, esta palavra remete-nos para a relação que temos com os nossos ascendentes, descendentes e restantes membros familiares. Mas também significa pessoas com quem partilhamos o mesmo gosto pela vida. E é ao longo da vida, e de como passam por ela, que se tornam especiais para nós. Este trabalho retrata essas pessoas. O tema é explorado por narrativas familiares através da sequência de imagens, colocando as pessoas nos seu lugares preferidos, onde se sentem mais confortáveis, possibilitandonos a observação dos seus momentos pessoais no espaço privado, mostrando um pouco das suas “realidades”. When we talk about family, it reminds us the relationship between all of their members - ascendants, descendants and all the others. But it also brings up the fact that they share their life and the zest for living their life. Along that journey, relatives become more and more special to us. This work shows that people, that family. This theme deals with family narratives through a sequence of pictures, showing their favourite places, where they feel more comfortable, recording their natural gestures, personal moments in their homes, showing us a bit of their “realities”.

IMPRESSÃO EM JATO DE TINTA SOBRE PAPEL ALGODÃO MONTAGEM EM MOLDURA INKJET PRINT ON COTTON PAPER MOUNTED WITH FRAME 40 X 30 CM / 70 X 50 CM PAULAFONTE@YAHOO.COM.BR

60


RE TRATOS PAULA FONTE


62


O conjunto de imagens pretende representar três espaços de convívio no interior de um bar da Vila de Boticas, revelando-se momentos lúdicos e de partilha de vivências. A narrativa consiste em retratar algumas das atividades daquele espaço, através dos momentos de lazer, criando uma representação e um estudo que vai desde a ordem dos elementos, à qualidade estética passando por um equilíbrio de cores e de formas. These images intended to represent three living spaces inside a bar in the village of Boticas, with people revealing and sharing playful moments. The narrative is to portray some of the activities at that space, through leisure time, creating a representation and a study from the order of the elements as well as the aesthetic quality, including a balance between color and shape.

IMPRESSÃO EM JATO DE TINTA SOBRE PAPEL ALGODÃO MONTAGEM EM PVC 5MM INKJET PRINT ON COTTON PAPER MOUNTED ON PVC 5MM 60 X 40 CM RUI.A.O.SA@HOTMAIL.COM

64


ESPAÇO COMPOSTO RUI SÁ


66


No concelho de Boticas resistem diversos vestígios dos assentamentos da antiga cultura castreja, sendo um território fortemente pautado pela presença de castros, da sua ruína, e onde o Castro de Carvalhelhos se destaca pelo seu estado de conservação. A pedra constitui um elemento central da antiga civilização castreja, pois através dela construíram-se as tão características muralhas defensivas, de morfologia concêntrica, onde a linha curva é a particularidade (formal) que define este tipo de povoado. Esta condição histórica, geográfica e territorial, e o estímulo visual sugerido por algumas formas peculiares dos muros nas terras altas por entre as aldeias de Vilarinho Seco e Alturas do Barroso, possibilitou a criação de uma ligação entre realidades paisagísticas a partir das formas do assentamento típico castrejo e a delimitação territorial contemporânea de longos e sinuosos muros nas propriedades dos campos. Deste modo, procura-se estabelecer um diálogo entre as construções de delimitação territorial (muros) pertencentes a duas épocas diferentes e distantes mas que, curiosamente, se cruzam na sua morfologia e arcaísmo construtivo. In the municipality of Boticas, many traces of the settlements of ancient Celtic culture still resist, being a territory strongly modeled by the presence of forts (castros), of their ruin, and where the Castro de Carvalhelhos stands out for its preservation. The stone is a central element of the old Celtic civilization. Through it, peculiar defensive walls with a concentric morphology were built. The curved line is the formal particularity that defines this type of settlement. This historic, geographic and territorial condition and the visual stimulation suggested by some peculiar forms of the walls in the highlands through the villages of Vilarinho Seco and Alturas do Barroso, enabled the creation of a link between landscape realities from the typical Celtic settlement forms and the contemporary territorial delimitation of the long and sinuous walls on the properties of the fields. Thus, these images seek to establish a dialogue between the construction of territorial boundaries (walls) belonging to two different and distant times but curiously intersected in their morphology and constructive archaism.

IMPRESSÃO EM JATO DE TINTA SOBRE PAPEL ALGODÃO PAPEL SOBRE PAREDE INKJET PRINT ON COTTON PAPER PAPER ON THE WALL 154 X 109 CM SOFIAFAUGUSTO@GMAIL.COM

68


ASSENTAMENTOS SOFIA F. AUGUSTO


70


FUTEBO Football

72 72


O futebol é um tema transversal aos grupos etários e de género nas diferentes freguesias de Boticas e, por isso escolhido para ser um tema de abordagem comum a todos os estudantes de fotografia. O que encontramos nas páginas seguintes, é uma diversidade de abordagens que começam na exploração do campo de terra batida, até à localização identitária do canto no complexo desportivo dos tempo modernos, contadas através de imagens fixas, de instalações de vídeo e sonoras. Em cada trabalho destacam-se os vários intervenientes, jogadores treinadores, mães e funcionários, bem como a sua relação com este desporto.

OL 73

Football is a cross-cutting theme across age groups and gender in the different parishes of Boticas and therefore chosen to be a common approach theme to all students of photography. What we find in the following pages is a diversity of approaches that start in exploring the beaten earth field, to the identity of the corner location in the sports complex of modern time, told through still images or video and sound installations. In each work stand out from the various players, coaches, players, mothers and employees, as well as their relationship with this sport.


INSTANTE E MOVIMENTO JOANA MACHADO

74


O futebol é uma modalidade praticada em todo o mundo. É um jogo, um momento, um instante onde existe uma partilha de bola, jogadores, táticas, objetivos e regras.

Football is practiced all over the world. It’s a game, a moment, an instant, where there is an experience of sharing the ball, players, tactics, goals and rules.

O pontapé de canto é um desses momentos e são estas regras e jogadas que tornam peculiar cada modalidade. Um pontapé de canto, é um momento de emoções e poses. Este projeto parte desse mesmo instante remetendo para a relação entre a linha que delineia o canto, o momento e a paisagem.

The corner is one of those moments, and the rules and moves make each event unique. A corner is a moment of emotion and of pose. This project departs from that very moment, referring to the relationship between the line that defines the corner, the instant and the landscape.

A paisagem, mostra Boticas vista de diferentes ângulos, a vista que cada canto permite alcançar, fazendo-nos sair do jogo enquanto competição. Os movimentos e poses performativas de cada jogador também nos permite essa fuga, sugerindo-nos um olhar geométrico daquele momento, um “olhar triangular”.

IMPRESSÃO EM JATO DE TINTA SOBRE PAPEL ALGODÃO MONTAGEM EM PVC 5MM INKJET PRINT ON COTTON PAPER MOUNTED ON PVC 5MM 35 X 50 CM JOANAMACHADO1516@GMAIL.COM

The landscape shows Boticas viewed from different angles, the view available from each corner, bringing us out of the game as a competition. The movements and performed poses from each player contribute to that escape, suggesting a geometric look of the moment, a triangular moment.


76


78


CALAICO JOÃO GIGANTE

80


Aquando de um contacto com o tema de abordagem, o futebol, acentuam se apontamentos que definem um interesse na construção deste projeto. Assim, depois de conhecer a entidade (Grupo Desportivo de Boticas) e quem faz parte da mesma, demarca-se a intenção/ação das pessoas que formam este movimento. Interessa poder inserir numa tipologia, como o retrato, tais manifestações.

At the time of the first contact with the subject, football, an interest in the construction of this project arised. Therefore, after knowing the organization (Boticas Sports Club) and those who are part of it, the intention/ action of the people who make up this movement is also marked. It is of our interest to enter such demonstrations in a typology, such as the portrait.

Na construção das imagens é importante referir a ligação com o Guerreiro, escultura castreja desta zona geográfica. O corte realizado no enquadramento marca esta intenção. Para isto, a manipulação do corpo de quem é fotografado e do espaço onde o mesmo é colocado, acentua a construção de um conjunto de imagens que inscrevem uma intenção através do corpo. Assim, o retratado é alguém que se transforma para a imagem. Este “guerreiro” metaforiza uma força na relação entre um determinado desporto e a comunidade.

In the image making, it is important to note the connection with the “Calaico” warrior, celtic sculpture of this geographical area. The cut made in the frame marks this intention. In this context, the body manipulation of photographed subject, and the place where he’s placed, emphasizes the construction of a series that marks the intention through the subject’s bodies. Thus, the portrayed is someone who is molded for the photograph. This “warrior” is a metaphor for the force existing in the relationship between a particular sport and the community.

Esta série fotográfica é, desde o seu início, acompanhada por uma construção sonora. Esta parte da mesma ideia de manipulação presente nos retratos. Na apresentação, uma outra imagem para além dos 7 retratos: uma `imagem sonora` contaminada pela captação e pela sua edição. Assim, o som acompanha as imagens num interlaçar cognitivo. Uma existe com a outra. O conjunto define o trabalho apresentado. O retrato como exploração da intenção de quem fotografa e é fotografado. O som manipulado como construção de um vínculo com o que existe e o que se constrói.

PROVA CROMOGÉNEA C-PRINT INSTALAÇÃO EM MADEIRA, PAPEL FOTOGRÁFICO E AUSCULTADORES WOOD INSTALLATION, PHOTO PAPER AND HEADPHONES 30 X 40 CM ESTEREO (BINAURAL), LOOP STEREO (BINAURAL ) LOOP WWW.JOAOGIGANTE.COM

From the beginning, this photographic series is accompanied by a sound construction. The same idea of manipulation, already present in the portraits, is kept. In the presentation, another image beyond the seven portraits: a “sound image” contaminated by its recording and editing. Therefore, the sound follows the images in a cognitive intertwinement. One exists with the other. The set defines the presented work. Portrait as the exploration of both photographer and photographed subjects. The sound as the link with what exists and what is being created.


82


FORA DE JOGO PAULA FONTE

84


Este trabalho fotográfico procura algo que acontece diariamente no Clube Desportivo de Boticas, mas que está escondido aos olhos atentos de quem está no jogo ou a assistir.

This photographic project looks for something that happens every day at “Clube Desportivo de Boticas” but is hidden from the eyes of those who are participating in the game or just watching it.

Retratamos o quotidiano da pessoa responsável pelos equipamentos e lanches dos jogadores, longe do terreno de jogo. Procuramos mostrar e valorizar o ambiente de forma organizacional e funcional do dia a dia. Esse trabalho diário é realizado por pessoas simples que podem fazer a diferença no bem estar do clube, contribuindo para a criação de um “lugar” mais agradável para toda a equipa.

We portray the daily life of the person responsible for the equipment and snacks of the players, away from the football field. We try to show and enhance the environment that surrounds her daily work. The daily work of simple people makes a difference in the welfare of the football club, contributing to the construction of a pleasant place for the whole team.

IMPRESSÃO EM JATO DE TINTA SOBRE PAPEL ALGODÃO MONTAGEM EM DIBOND INKJET PRINT ON COTTON PAPER MOUNTED ON DIBOND (4X) 60 X 40 CM PAULAFONTE@YAHOO.COM.BR


86


88


LUGAR MARCADO RUI SÁ

90


O futebol assume-se como um fascínio para muitos. Boticas não é exceção. Sendo um meio pequeno, também tem as suas equipas de futebol e os seus seguidores: os jovens atletas e os seus espetadores.

Football is assumed as a fascination for many people. Boticas isn’t an exception. Being a small town, it also has its football teams and their followers: young athletes and their spectators.

Dentro de um leque extenso de admiradores, importa frisar um grupo restrito: mães admiradoras deste desporto. Consequência da paixão daqueles que, igualmente, são a sua maior paixão: os seus filhos.

Within an extensive variety of admirers, it’s important to emphasize a restricted group: the mothers who are fans of this sport. A consequence of the passion of those who also are their greatest love: their children.

Evidencia-se neste trabalho a relação das mães com os seus “atletas”, e o seu lugar como progenitoras e como ‘primeiro público’.

It is evident in this work the relationship between mothers and their “athletes”, and their place as parents and as their ‘first fans’ .

IMPRESSÃO EM JATO DE TINTA SOBRE PAPEL ALGODÃO MONTAGEM EM PVC 5MM INKJET PRINT ON COTTON PAPER MOUNTED ON PVC 5MM 20 X 30 CM RUI.A.O.SA@HOTMAIL.COM


92


94


O CAMPO DA BOLA SOFIA F. AUGUSTO

96


No concelho de Boticas todas as aldeias possuem um campo de futebol, muitas vezes improvisado na periferia dos aglomerados rurais.

In the municipality of Boticas every village has a football field, often improvised on the outskirts of the rural settlements.

A falta de terrenos baldios nas iminências da aldeia de Nogueira não foi desculpa para a não existência deste lugar de jogo e de convívio. Desta forma, o campo da bola tomou forma sob uma implantação bastante particular: no sopé de um monte, que ladeia a aldeia, fazendo com que um suposto obstáculo geográfico e topográfico se tornasse na génese da peculiar mise-en-scène deste lugar.

The lack of vacant lots close to the village of Nogueira was no excuse for not having a place of game and social gathering. Thus, the football field took shape under a very particular site plan: the bottom of a hill that borders the village, where the presumable geographical and topographical obstacle became the genesis of the peculiar mise-en-scène of this place.

Todavia, apesar dos esforços logísticos para que este campo fosse uma realidade, a aldeia de Nogueira não foi exceção no que toca ao inevitável abandono deste lugar de jogo, fazendo com que a passagem do tempo tomasse conta da paisagem desta área rural e interior, remetendo-o ao esquecimento.

However, despite the logistical efforts for this field to become a reality, the village of Nogueira was no exception when it came to the inevitable abandonment of this place of game, making the passage of time take account of this rural landscape, referring it to oblivion.

A partir deste ‘habitat’ específico, n’O Campo da Bola, pretendeu-se refletir entre o passado e o presente, entre sincronismo e anacronismo, através de um ato performativo que dá (e devolve) sentido ao lugar.

From this specific ‘habitat’, O Campo da Bola, intends to reflect on the past and the present, between synchronism and anachronism, through a performative act that gives (and returns) sense to the place.

O resultado final consiste numa instalação, a partir de imagens e sons captados no campo da bola de Nogueira durante uma improvável partida de futebol, onde por vezes o som é o elemento que preenche o (ocasional) vazio.

The final result is an installation piece, based on images and sounds taken in the Nogueira’s football field during an uncanny football match, where sometimes the sound is the element that fills the (occasional) emptiness.

Os agentes que dão sentido a este lugar são as crianças que ainda habitam a aldeia de Nogueira e as aldeias da mesma freguesia: Bobadela e Ardãos. São (as) vozes transversais ao tempo e ao lugar esquecido.

The agents that give meaning to this place are the children who still live in the village of Nogueira and in the villages of the same parish council: Bobadela and Ardãos. They are (the) voices that cross time and the forgotten place.

HD VÍDEO 1920X1080 COM SOM SURROUND 5.1 INSTALAÇÃO DE SOM E IMAGEM HD VIDEO 1920X1080 WITH 5.1 SURROUND SOUND SOUND AND IMAGE INSTALATION 4’ SOFIAFAUGUSTO@GMAIL.COM


98


100


AGRADECIMENTOS ACKNOWLEDGEMENTS

Câmara Municipal de Boticas Centro de Artes Nadir Afonso Centro de Produção de Recursos da esmaeLaboratórios Multimédia/Gabinete de Estudos e Projectos para o Audiovisual e as Artes do Espectáculo_Carlos Filipe Sousa, Fernando Teixeira, João Paulo Gomes, Marlene Teixeira, Pedro Pacheco Fórum Boticas – Associação Recreativa e Cultural Grupo de Teatro Fórum Boticas Ventos do Oriente - Grupo de Saxofones da esmae Grupo Desportivo de Boticas

PROFESSORES TEACHERS

Ana Catarina Pinho, António Jorge Carvalho, Cláudio Melo, Eduardo Condorcet, Francisco Vidinha, João Leal, José Quinta Ferreira, José Miguel Moreira, José Maçãs de Carvalho, José Alberto Pinheiro, Manuel Taboada, Maria João Cortesão, Marco Conceição, Olívia da Silva, Patrícia Nogueira, Sérgio Rolando, Rui Xavier

PATROCÍNIO SPONSORSHIP

Câmara Municipal de Boticas www.cm-boticas.pt Instituto do Cinema e do Audiovisual www.ica.ip.pt Lumen lumen.pt Este projeto só foi possível com o alto patrocínio da Câmara Municipal de Boticas. This project was made possible with the support of the City Hall of Boticas.


Boticas: O Real Documentado O Real Ficcionado  

Catálogo dos projetos finais do Mestrado em Comunicação Audiovisual Especialização em Fotografia e Cinema Documental e em Produção e Realiza...

Boticas: O Real Documentado O Real Ficcionado  

Catálogo dos projetos finais do Mestrado em Comunicação Audiovisual Especialização em Fotografia e Cinema Documental e em Produção e Realiza...

Advertisement