Page 1

Distribuição gratuita - Ano 27 - Edição 537 - 16 de maio a 5 de junho de 2018

em notícias

fone: 5021-7010 www.JABAQUARAEMNOTICIAS.com.br

Dia Mundial da Hipertensão no Terminal Metropolitano Jabaquara Para marcar o Dia Mundial da Hipertensão, nesta quinta-feira, 17/05, das 9 as 16h30, a EMTU em parceria com a Sociedade Brasileira de Hipertensão (SBH) promoverá a campanha Meça Sua Pressão no Terminal Metropolitano Jabaquara. A campanha tem o objetivo de alertar a população sobre os riscos da pressão alta. Segundo a SBH, a hipertensão arterial causa 300 mil mortes por ano, sendo responsável por 40% dos infartos, 80% dos derrames e 25% dos casos de insuficiência renal terminal. Uma equipe formada por médicos, enfermeiros, nutricionistas, psicólogos, educadores

físicos, farmacêuticos e assistentes sociais farão aferição da pressão arterial, medição do índice de massa corporal, peso, circunferência da cintura e altura e orientarão sobre a importância do cuidado com a saúde. Quem estiver com a pressão acima do recomendado será instruído pelos profissionais a aprofundar o diagnóstico. No local haverá distribuição de materiais informativos com dicas de hábitos de vida saudável, como redução da ingewstão de sal, atividade física regular e consumo moderado de álcool e cigarro. A ação faz parte da política de responsabilidade social da EMTU que promove eventos cul-

Virada Cultural

turais, de inclusão social, além de campanhas ligadas à saúde da população. Meça Sua Pressão A campanha Meça Sua Pressão teve início em 26 de abril, Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão, e ofereceu orientações aos cidadãos sobre a importância de se realizar a aferição regular da pressão arterial, além de prevenir a hipertensão arterial. As ações ocorreram no Conjunto Nacional e na estação de metrô Higienópolis. A apresentadora Ana Maria Braga e a atriz Marisa Orth são Embaixadora e Madrinha da ação da SBH em 2018.

O evento no Centro de Culturas Negras do Jabaquara terá início no dia 19, às 19h com “Garotas Suecas” e as 21h também com música, e no dia 20 as festividades continuam com Samba de Rainha, às 18h. Página 5


2 | 16 DE MAIO a 5 de junho de 2018 Artigo

Por: Dra. Dolly dos Santos Outeiral

O legado da Copa do Mundo no Brasil Este ano, completará quatro anos do encerramento da Copa do Mundo que foi sediada no Brasil e muitos fatos marcaram o evento, dentre os quais os direitos que emanaram da Lei Federal nº 12.663/12. Isso porque, para sediar o campeonato mundial, a FIFA exigiu do Brasil a criação de determinadas normas, as quais, dentre outros, visavam o resguardo das marcas vinculadas a Copa do Mundo de Futebol e a Copa das Confederações. A partir daí, através da conhecida Lei Geral da Copa, outorgou-se à FIFA ampla proteção de suas marcas, através da isenção de procedimentos burocráticos atinente aos registros marcários, diminuição substancial do prazo de duração dos processos, isenção do custeio de taxas federais, automático reconhecimento de suas marcas como alto renome e notoriamente conhecidas, dentre outros benefícios que ali foram estabelecidos. Assim, a FIFA obteve enormes vantagens na concessão de suas marcas, Inclusive galgando-as ao benefício do alto renome (ou seja, com pro-

teção irrestrita para todos os segmentos mercadológicos), o que obteve inclusive em relação a expressões comuns, como, por exemplo, “BRASIL 2014”, dentre outras. Porém tais marcas possuíam pouco caráter distintivo, e já estavam incorporadas como expressões cotidianas. Cite-se como outro exemplo de marca comum a palavra pagode, concedida à FIFA em caráter exclusivo e irrestrito, e cujo significado está relacionada a determinado gênero musical de alta popularidade no Brasil. Aliás, justamente em virtude da concessão da marca pagode à FIFA é que, em 2014, muito se discutiu sobre o tema, repercutindo em várias matérias e nos mais variados meios, o que acarretou o pronunciamento da FIFA sobre o tema, garantindo à população que, apesar de deter exclusividade da expressão em todos os segmentos, limitaria a atuação apenas ao que lhe interessava. No caso da palavra pagode, afirmou que não obstaria o uso por terceiros no País, apenas impediria quem a utilizasse para se beneficiar do evento

Copa do Mundo, esclarecendo que dita expressão designava uma determinada fonte de letra que havia criado, pacificando os ânimos da população em geral. De fato, a Lei Geral da Copa beneficiou sobremaneira a FIFA, mas também condicionou seus direitos a um curto espaço de tempo, limitando-os até 31/12/2014. E, transcorridos anos desde o evento, o que se verificou na prática é que a FIFA não transcendeu aos limites que ela própria havia informado, resguardando suas marcas enquanto relacionadas ao evento. É importante esclarecer que a imposição da criação de norma para defesa de suas marcas não foi adotada apenas em relação ao Brasil, sendo estratégia comum da FIFA imposta a todos os Países que venham a sediar a Copa do Mundo, tornando-se uma medida a garantir a entidade e aos que ela estão vinculados. Dra. Dolly dos Santos Outeiral, advogada do Grupo Marpa – Marcas, Patentes e Gestão Tributária

Berimbau comemora 36 anos com festa popular

O Berimbau Show na Copa convida a população paulista para participarem da festa de aniversário de 36 anos. O evento ocorrerá no dia 09 de junho das 18h as 00h no Ponto sem Nó Restaurante na Rua Hildebrando Siqueira, 659 (próximo Padaria Trevo) com churrasco, bolo e champanhe grátis. Participação do Grupo Bague Sorriso e Dj Dom, além de variados estilos musicais, tais como Black, Samba Rock, Melodias e R&B durante todo evento. O evento tem apoio da Editora Juma - Jornal Jabaquara em notícias, Styllos Automóveis, Vistoria Brasil, Restaurante Fiorino e Wander Geraldo. Informações e convites: 983294188 Berimbau ou Fátima 95132-6559 DIRETORA Rosa Maria Gomes de Oliveira JORNALISTA Malucy Nogueira (Mtb 17.862) José Fernando da S. Jr. (estagiário) DIRETOR COMERCIAL Marcelo Martins (Mtb 25553 SSP-SP) DIAGRAMADOR José Carlos Rocha da Costa COLABORADORES Antônio João Santo - Silvano Souza Katia Cheli Kanasawa - Alessandra Morais - Eliane Suwa - Sérgio Vastano

TIRAGEM: 20.000 Exemplares IMPRESSÃO: Gráfica Pana Editora Jornalística Juma CNPJ. 67.052.795/0001-52 SEDE PRÓPRIA: Rua Onofre Silveira , 45 Jabaquara - CEP. 04334-100 - São Paulo - SP Tel.: 5021-7010 e-mails: j.jnotícias@terra.com.br jornalc.ademar@terra.com.br Distribuição Gratuita: Jabaquara, Vila Mariana, Mirandópolis, Praça da Árvore, Bosque da Saúde, Vila Sto. Stéfano, Saúde, Planalto Paulista, São Judas, Jardim Aeroporto, Vila Guarani, Água Funda, Cidade Vargas, Vila Facchini, Jardim Scaff, Vila Mascote,

horóscopo ÁRIES - Momento em que enfrentará algumas oposições e dificuldades impostas por parentes, familiares e vizinhos. Não se preocupe, pois com autoconfiança e inteligência sairá vencedor. Bom ao casamento. TOURO - Evite, neste período, qualquer ação, que possa afetar seu equilíbrio nervoso. Por outro lado, sua saúde melhorará totalmente, suas chances de sucesso geral também serão evidentes. Pode viajar que será bem sucedido. GÊMEOS - Excelente fase para tratar com agricultores, agropecuários, feirantes e agrônomos. Terá sucesso nos negócios imobiliários e muito poderá progredir, profissionalmente. Fluxo neutro. CÂNCER - Êxito e ótimos lucros, no comércio e na indústria de líquidos, de modo geral, e de produtos químicos para a lavoura e a veterinária. Todavia, terá algumas dificuldades, mas, se agir com otimismo e inteligência, sair-se-á bem. LEÃO - Período em que haverá disputas, dificuldades, que só serão abatidas com muito otimismo e força de vontade. Evite os perigos de acidentes de trânsito, a precipitação nos negócios e discussões no campo profissional. Contatos. VIRGEM - Este é um bom período do ano para você levar avante negócios e empreendimentos. Os presságios para esta fase são mais promissores para empréstimos, realização de negócios lucrativos, compra e venda de objetos e imóveis. LIBRA - Procure compreender o seu valor profissional, relacionando-o ao bem que poderá causar ao seu semelhante no futuro. Leia mais, penetre nas coisas para realmente melhorar e valorizar o seu intelecto e sua personalidade. ESCORPIÃO - Melhora de saúde e das chances de sucesso geral. Aja com inteligência e com perícia que conseguirá chegar onde pretende nesta fase. Êxito pessoal, social, elevação do caráter e felicidade íntima e amorosa. SAGITÁRIO - Período positivo que o beneficiará muito e de modo decisivo. Notícias agradáveis. Não de crédito a rumores e boatos que possam surgir. Data positiva para fazer mudanças ou viajar. CAPRICÓRNIO - Com prudência e reserva você chegará onde deseja. Propício no plano profissional, financeiro e amoroso. Fase favorável para jogos, loteria sorteios e casamento. Grandes projetos e realizações. Pessoas estranhas poderão ser úteis AQUÁRIO - Alguma prudência é bastante aconselhável, uma vez que afastará a possibilidade de se perder em pequenos negócios ou assuntos, principalmente se não aniversariou. Influências benéficas. PEIXES - Aproveitando suas oportunidades para viajar, mudar, fazer novas amizades e arquitetar novos planos para ganhar dinheiro, demonstrará ser prático. Esteja atento para uma novidade ou uma visita. Alguma coisa boa pode acontecer.

Vila Santa Catarina e Vila Campestre. Cidade Ademar, Divisa de Diadema, Jardim Miriam, Americanópolis, Cidade Ademar, Intelagos, Jardim Consórcio, Jardim das Oliveiras, Vila Joaniza, Vila Missionária e Jardim Prudência Os serviços prestados por assinantes e as matérias assinadas não são de responsabilidade deste veículo de comunicação. Assim como o conteúdo dos anúncios que são de total responsabilidade do anunciante. É expressamente proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo desta publicação sob pena prevista por lei.

www.EDITORAJUMA.com.br


16 DE MAIO a 5 de junho de 2018

Encontro de Mc’s no CEU Caminho do Mar

Hip Hop de São Paulo. Não muito diferente dos demais integrantes, Thiago (Tiba), grafiteiro e membro da Nação Hip Hop Brasil e membro do Fórum

Hip Hop Jabaquara. Dj Ki, também já atua no Hip Hop a mais de dez anos e também com oficinas de Dj, o rapper Du Ritmo Urbano atua já

grupo da melhor idade animam a todos com a dança e a alegria de se apresentarem em publico. “Um projeto que esta dando certo, pois a autoestima não é só das participantes do grupo como tocam nas pessoas que passam pela feira”, declarou Silvana.

A relação dos contemplados com a redução de 50% da taxa de inscrição (de R$ 27,80 para R$ 13,90) do processo seletivo das Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) para o segundo semestre de 2018 está disponível no site www.vestibulinhoetec.com.br. Quem receber o benefício deve fazer sua inscrição para o Vestibulinho, exclusivamente pela internet, em um único curso na Etec de sua escolha, até as 15 horas do dia 25 de maio. As Etecs disponibilizam computador e acesso à internet aos interessados em fazer a inscrição. O candidato deve entrar em contato com a unidade para saber o horário de atendimento para esta finalidade. O processo seletivo oferece 47,2 mil vagas para Ensino Técnico (presencial, semipresencial

Educação Infantil - Ensino Fundamental Ensino Médio Lousa Digital em todas as salas

Rua: Coriolano Durand, 485 - Vila Santa Catarina Tel.: 2813-1770

a algum tempo no senário do hip hop, membro do Fórum Hip Hop Jabaquara, BeatMaker entre outras atividades voltadas a cultura Hip Hop. Neste encontro de mc’s que será realizado no CEU Caminho do Mar no próximo sábado dia 19/05 conta com quatorze apresentações e a participação especial do rapper e um dos propulsores do Hip Hop/Rap Nacional, Pepeu (O Primeiro). Evento gratuito que acontece a partir das 13h, com entrada gratuita. CEU Caminho do Mar Av. Eng. Armando de Arruda Pereira, 5.241

As inscrições para o Prêmio Nacional de Literatura dos Clubes, evento realizado anualmente e em caráter nacional pelo Sindi Clube em parceria com a Confederação Nacional dos Clubes (FENACLUBES) e a Academia Paulista de Letras, vão até dia 30 de junho. Em sua 3ª edição nacional, o concurso premia três categorias: poesia, conto e crônica, com tema livre. A obra tem de ser inédita e os concorrentes podem se inscrever em apenas uma categoria. O valor da premiação será de R$ 1.500, R$ 1 mil e R$ 500, respectivamente, para primeiro, segundo e terceiro colocados de cada categoria. Para mais informações sobre o Prêmio Nacional de Literatura dos Clubes, inscrições, e premiação, acesse o regulamento completo no site do Sindi Clube (http://www. sindiclubesp.com.br/).

Etecs divulgam resultado de redução da taxa do Vestibulinho

Dançando na Feira

A feira de sábado da Rua Icaturama na Cidade Ademar agora tem atrações para os frequentadores e os feirantes. A Educadora de ginastica do Grupo de Integração e Saúde Cidade Ademar – GISCA, Silvana Pulvirente, leva seu som e com seu

Inscrições para o Prêmio Nacional de Literatura

Foto: Gastão Guedes

O encontro de mc’s é um projeto que agrega e dilui a cultura do Hip Hop no Jabaquara tendo início em 2016, contemplou mais de vinte grupos de Rap de toda São Paulo e interior paulista. Tendo uma equipe que contém quatro integrantes, dois dj’s um mestre de cerimônia e na organização e idealização do projeto o rapper Du Ritmo Urbano. Chamado de projeto du ritmo urbano pela pretensão de fazer com que este encontro permaneça de forma contínua na região e itinerária nos polos de cultura do Jabaquara. Tendo seus trabalhos paralelos, Dj Dee (Simples e Pesado) atua já algum tempo na cena do

|3

e online), Técnico integrado ao Médio na modalidade EJA, Especialização Técnica e para acesso às vagas remanescentes de segundo módulo. Inclusão Social O Sistema de Pontuação Acrescida concede acréscimo de pontos à nota final obtida no exame, sendo 3% a estudantes afrodescendentes e 10% a oriundos

da rede pública. Se o candidato estiver nas duas situações, recebe 13% de bônus. Para ter direito ao bônus, o candidato afrodescendente e/ ou oriundo da rede pública deve fazer a autodeclaração no ato da inscrição. Outras informações pelo telefone (11) 3471-4071 ou pelo site www.vestibulinhoetec.com.br

Natação *(Piscina aquecida - Gratuito)

*Educação Infantil ao 5º Ano.

Teatro, Música e Dança (Gratuito) Ballet e Judô (Gratuito) Espanhol (Gratuito)

Visite

www.colegiomarques.com.br


4 | 16 DE MAIO a 5 de junho de 2018

Aos 61 anos, a gerente comercial Rosalia Pereira, que já foi ‘miss’ Vila Formosa, foi eleita a mais bela idosa de São Paulo na 15ª edição do concurso Miss IPGG. O evento foi realizado no dia 10, pela Secretaria de Estado da Saúde, através do Instituto Paulista de Geriatria e Gerontologia (IPGG), também conhecido como Centro de Referência do Idoso da Zona Leste. Rosalia é super bairrista e queria levar mais um título para a Vila Formosa. Ela ressalta a importância do concurso como ferramenta de reintegração social para algumas mulheres com mais de 60 anos. “Independentemente do resultado do evento, esse tipo de atividade é essencial para a integração e interação das mulheres idosas”, afirma. A Miss

Crédito: Paulo Cesar Alexandrowitsch / SES-SP

Mais bela idosa de São Paulo ganha seu segundo título de ‘miss’

IPGG casada, tem duas filhas, e um de seus grandes orgulhos é ter reencontrado o amor da vida dela, um namoro antigo. Ao som de “Show das po-

derosas”, da cantora Anitta, as 24 participantes desfilaram para cerca de 350 pessoas presentes. As finalistas são residentes do município de São Paulo, e mui-

tas nasceram em diversas partes do Brasil. As idades das participantes vão de 61 a 83 anos. O concurso também premiou as mulheres em outras cinco categorias: Miss Beleza (Severina Nunes Pereira), Miss Elegância (Lourdes Cassapula Gomes Ribeiro), Miss Simpatia (Deolina Gonçalves Eler), Miss Sorriso (Glória Maria dos Santos) e Miss Timidez (Glória dos Santos Caramelo). O evento ainda contou com uma apresentação de tango e com as 24 candidatas dançando a música “Bailando”, versão do cantor Enrique Iglesias, em homenagem aos 15 anos do concurso. Para o diretor de convivência do IPGG, Nilton Guedes, o evento tem um papel importante na valorização e promoção da

autoestima das candidatas, além de colaborar no envelhecimento saudável. “Aqui os idosos também passam por acompanhamento na área médica, psicológica e odontológica, além de realizar atividades físicas, musicais e artesanato”, complementa o diretor. No dia 11, foi realizado um baile de Dia das Mães no IPGG, em homenagem às vencedoras, às finalistas e às mães que frequentam a unidade de saúde. O IPGG oferece atendimento multidisciplinar a pacientes idosos e disponibiliza vacina contra a gripe para o público idoso, por meio da campanha de vacinação iniciada no dia 23 de abril no Estado de São Paulo. Pessoas com 60 anos ou mais podem receber as doses na unidade, de segunda a sexta-feira, das 7 às 17h.

Prefeitura inaugurou o primeiro ponto público de coleta de lixo eletrônico na cidade A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, implantou o primeiro ponto público de coleta de e-lixo da cidade, no parque mais visitado da América Latina: o Parque Ibirapuera. Para inaugurar o coletor, o parque recebeu no dia 14, alunos do Colégio Guilherme Dumont Villares e um grupo de escoteiros para serem os primeiros a descartar conscientemente o lixo eletrônico. A iniciativa se deu por uma parceria com o Movimento Greenk (criado para conscientizar e mobilizar a sociedade para o descarte correto do lixo eletrônico) e o Principado de Mônaco. Além do Ibirapuera, outros parques da cidade receberão pontos públicos de coleta, em uma iniciativa inédita no país (veja relação dos parques abaixo). “Esta foi uma segunda-feira bastante importante para a Prefeitura de SP, onde a custo zero para o município, nós iremos instalar 15 coletores de lixo eletrônico. Essa é uma preocupação com a sustentabilidade e com o futuro das nossas crianças.”, afirma o Secretário do Verde e Meio Ambiente, Eduardo de Castro.

Os materiais descartados nos pontos de coleta serão retirados pelo Sistema da Green Eletron, Entidade Gestora fundada pela Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee) para gerenciar a Logística Reversa de equipamentos eletroeletrônicos. Os materiais passíveis de recuperação serão enviados aos Centros de Recondicionamento de Computadores (CRCs), que integram o programa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. Serão coletados computadores (notebooks e CPUs), impressoras, celulares, tablets, monitores e

equipamentos eletroeletrônicos de pequeno porte. O coletor de e-lixo foi desenvolvido pelo Movimento Greenk conjuntamente com a Green Eletron. O produto é fabricado em aço, metais e plásticos reciclados, oferecendo resistência às intempéries – já que estará exposto ao sol e à chuva nos parques públicos. Dados da Organização das Nações Unidas (ONU) situam o Brasil na segunda colocação, em um ranking dos países das Américas, na produção de e-lixo, só perdendo para os Estados Unidos. É também o sétimo maior do mundo. O empenho da SVMA na ação é conscientizar os munícipes quanto aos riscos que possíveis elementos químicos contidos no lixo eletrônico causam ao meio ambiente. Altamente tóxicos, alumínio, mercúrio, cádmio, chumbo e lítio, por exemplo, se despejados sem critério na natureza contaminam o solo e o lençol freático. Pontos de coleta O Termo de Cooperação firmado possui um investimento de R$ 200.000 e prevê o projeto de implantação e operação de pontos

de coleta de lixo eletrônico na cidade, por doze meses. Confira a relação de parques municipais que receberão os pontos de coleta: 1) Parque Ibirapuera – Av. Pedro Álvares Cabral, s/n 2) Parque Trianon – Rua Peixoto Gomide, 949
 3) Parque Prefeito Mario Covas – Avenida Paulista, 1853
 4) Parque da Independência – Avenida Nazareth, s/n
 5) Parque do Cordeiro Martin Luther King – Rua Breves, 968
 6) Parque Lina e Paulo Raia – Rua Volkswagen, s/n
 7) Parque Buenos Aires - Av An-

gélica, 1.500
 8) Parque do Povo – Av. Henrique Chamma, 420
 9) Parque da Aclimação – Rua Muniz de Souza, 1.119
 10) Parque Burle Marx – Av. D Helena Pereira de Moraes, 200
 11) Parque Piqueri – R. Tuiuti, 515
 12) Parque do Carmo – Av. Afonso de Sampaio e Sousa, 951 - Itaquera
 13) Parque Vila Guilherme /Trote – Rua São Quirino, 905 Outro ponto de coleta a ser instalado será no Clube Centro Esportivo, Recreativo e Educativo do Trabalhador, gerenciado pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer. Na sede da Prefeitura de São Paulo também há um coletor instalado.


16 DE MAIO a 5 de junho de 2018

CCNJ recebe Virada cultural 2018

A Prefeitura da cidade de São Paulo realizará nos dias 19 e 20 a virada cultural que desde 2005 vem sendo festejada com muito sucesso pelos paulistanos. A virada cultural ocorre em diversas regiões, com atrações diversificadas, entre elas estão: Xuxa, Balão Mágico, Fat Family, Fernanda Abreu, Gretchen e Valeska Popozuda, Ira!, Dj Hum, Thaíde, Diogo Nogueira, Legião Urbana, Fafá de Belém, Caetano Veloso, Double You, Elza Soares, Negra Li, Rashid, RZO + Ice Blue, Raimundos, Gilmelândia, Rosa de Saron, Karol Conká, Projota, Jota Quest, Katinguelê, Pretinho da Serrinha, Dudu Nobre, Eliana de Lima, Xande de Pilares, Beth Carvalho, Planta e Raiz, Rastapé, Falamansa, Dead Fish, Ratos de Porão, Leandro Lehart, Exaltasam-

ba, Royce do Cavaco, Marcelo D2, Paralamas do Sucesso, Dexter, É o Tchan, Emicida, Tom Zé, Léo Jai-

me, Gloria Groove e Aretuza Love. No Jabaquara, a virada cultural ocorrerá no Centro de Culturas

PROACOINS É O APLICATIVO OFICIAL DA VIRADA CULTURAL

O PROACOINS, um game inovador de realidade aumentada que explora espaços culturais de São Paulo, será o aplicativo oficial da Virada Cultural 2018. Todas as atrações da Virada estarão presentes no aplicativo durante toda a semana do evento. O usuário terá informações sobre a história e curiosidades dos pontos onde acontecerão mais de 300 atrações. A intenção é ajudar o público a criar a sua programação.

O game é uma iniciativa do Instituto PROA e está disponível gratuitamente em todas as lojas de aplicativos para smartphones (Android e IOS). Sobre o PROA O Instituto PROA é uma ONG que acredita e tem o compromisso de criar oportunidades reais de desenvolvimento e empregabilidade para jovens de baixa renda de São Paulo, atuando junto com investidores, empresas e

escolas da rede pública. Após serem criteriosamente selecionados, mais de 400 jovens por ano recebem uma formação diferenciada baseada em 4 grandes pilares: ensino profissionalizante, ampliação do repertório cultural, desenvolvimento comportamental e apoio na conquista do primeiro emprego. Fundado em 2007, o Instituto PROA já preparou para a carreira mais de 2.800 jovens e continua acompanhando suas trajetórias.

Convite *Exames audiométricos *Aparelhos 100% digitais *Alta tecnologia *Resistentes a água, suor e umidade

Ligue e saiba nossas promoções 5071-4118 / Fax: 5071-3592 / 98149-8584

contato@listenhere.com.br | www.listenhere.com.br Av. Fagundes Filho, 145 – Conj. 44 / Ed. Austin

A Rede CRIAD, CIC Casa da Cidadania e Casa Bem Querer Mulher Zona Sul convida para uma Roda de Conversa que acontecerá no dia 17/05 as 08h30 no Auditório PEFI (Centro Paraolímpico Rodovia dos Imigrantes, KM 1.5), cujo tema será o combate ao “ Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, para sensibilizar e trocar experiências para esse assunto tão delicado e importante para as crianças e adolescentes.

Negras do Jabaquara, localizada na rua R. Arsênio Tavolieri, 45 Jardim Oriental, a 8 min do Metrô Jabaquara. O evento no Centro de Culturas Negras terá início às 19h com “Garotas Suecas” e as 21h também com boa música, e no dia 20 as festividades continuam com Samba de Rainha, às 18h. Garotas Suecas Formada em 2005 na cidade de São Paulo, o Garotas Suecas condensou suas influências de rock, soul e psicodelia nos EP Hey, Hey, Hey. Desde o início da carreira, a banda investiu na criatividade de seus clipes. “Difícil de Domar” rendeu um prêmio na edição de 2008 do Video Music Brasil (VMB), da MTV. Os vídeos de “Bugalu” e “Codi-

|5

nome Dinamite” somaram-se à bem-sucedida empreitada audiovisual, que teve seu auge no divertido “Banho de Bucha”, primeiro clipe do álbum de estreia Escaldante Banda, que projetou os paulistanos para um público mais amplo. A banda venceu o prêmio de “Aposta MTV” no VMB 2008. Campo Limpo A Praça do Campo Limpo irá reunir shows do Grupo Revelação, Emicida, Dj Hum e Diogo Nogueira e muito mais. Haverá ainda uma apresentação de “Os Prettos”, junto com Beth Carvalho e Samba da Vela. Confira a programação completa, os horários e os locais das apresentações: www.viradacultural.prefitura.sp.gov.br


6 | 16 DE MAIO a 5 de junho de 2018


16 DE MAIO a 5 de junho de 2018

J&B a arte de ensinar arte

A J&B Escola de Música e Arte é uma instituição privada de ensino que visa, a produção de conhecimento em artes no geral, criada a partir de uma “sonho de infância “ do reconhecido professor de Arte e Música João Alberto Apolinário, onde o intuito é ter várias artes em um mesmo local. O compromisso da J&B com a Educação e a Cultura, se traduz na qualidade de ensino visando o aprendizado rápido e objetivo, aprendendo a tocar, cantar, dançar, interpretar entrando no mundo da Arte. O aluno é a razão de ser da proposta pedagógica da J&B.

Com 10 anos no mercado, direcionando por João Apolinário, com colaboradores como; professora Luciana Almeida, Cleiton Duarte, Kellen Lima oferece diversos cursos como: ballet, jazz, hip hop, teatro, pintura, música em geral (violão, teclado, canto, bateria etc...) e produção artística. A escola já conta com diversos artistas mirins como Maria Fernanda, Mariana Miguel, Giulia Goi entre outros que se apresentam em eventos e em rede nacional. A relação de confiança mútua e a identificação da comunidade de pais com os valores básicos da Escola são fatores fundamentais

para a plena realização da proposta arte educacional. Além de investir na qualificação dos seus profissionais, a J&B busca assegurar condições de trabalho adequadas num ambiente de trabalho familiar e participativo, inovando com jeito diferente de ensinar e mostrando que se pode aprender música, teatro, dança com um preço acessível e o melhor se divertindo. J&B pra mim e pra você! Praça Nova América 144 Vila Guarani - Jabaquara Te: 4255 9440 ou 98133 2112

|7

Associação Pró Coalizões Comunitárias Antidrogas do Brasil no Jabaquara O projeto da Associação Pró Coalizões Comunitárias Antidrogas do Brasil, entidade sem fins lucrativos, com autonomia administrativa e financeira, sediada em Pindamonhangaba-SP, tem como objetivos criar programas de combate e prevenção às drogas através de Coalizões Comunitárias Antidrogas, sob o lema: “comunidade segura, saudável e livre das drogas” e, com a disposição de trabalhar em conjunto com o programa das coalizões, contando com apoio de órgãos da administração pública, privadas, instituições religiosas, sociais e demais instituições. A Prefeitura Regional Jabaquara foi escolhida como unidade piloto na região. Com isso, foi criado o núcleo “Coalizão Jabaquara” que contempla 12 (doze) setores comunitários: adolescente e jovens, pais de famílias, indústria e comércio, meios de comunicação, educação (pública e privada), ong’s relacionadas com a juventude, justiça, organizações religiosas e fraternais, organizações civis, profissionais de saúde pública, agências governamentais e ong’s dedicadas a combater o consumo de drogas. O núcleo é composto por integrantes de órgãos públicos, sociedade civil e ong’s. O trabalho em rede tem como ações diagnosticar, planejar, implementar e avaliar possíveis ações em uma área definida na re-

gião do Jabaquara com o objetivo a prevenção das drogas. Nesse momento, o foco do trabalho está na coleta de dados por amostragem entre adolescentes / jovens, pais e comunidade para avaliação e entendimento dos problemas, levantamento dos recursos disponíveis, planejamento e impactos na comunidade. Com esses dados será possível direcionar políticas públicas, e avaliar sua necessidade e eficácia. A próxima reunião do núcleo “Coalizão Jabaquara” será dia 23/05 às 14h, no auditório da Prefeitura Regional do Jabaquara, Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira, 2314, e a participação é aberta a todos os interessados em conhecerem o projeto ou integrarem a equipe. Coalizão Um processo democrático composto por voluntários que se unem para aumentarem suas chances de atingir um objetivo comum, compartilhando responsabilidades, recursos, riscos e recompensas. Uma organização formal para cooperação e colaboração entre grupos ou setores de uma comunidade, na qual cada grupo mantém sua identidade porém todos se comprometem a trabalharem coletivamente para alcançarem a meta de criar uma comunidade segura, saudável e livre de drogas.

Voluntariado

Você que adora a natureza, que tal dar uma forcinha para revitalizar e manter o jardim da ADD- Associação Desportiva para Deficientes? A Sede da ADD fica na RUA DAS PITOMBEIRAS, 296 - Jabaquara. Você pode ajudar sendo voluntário e/ou doando mudas para revitalizar o jardim. A ADD beneficia, gratuitamente, mais de 200 crianças, jovens e atletas com deficiência. Contato: 5911-6133 com Regina ou pelo e-mail contato@add.org.br www.add.org.br


8 | 16 DE MAIO a 5 de junho de 2018

Moradores pedem socorro devido a tanto barulho Os moradores do Jardim São Carlos e do Parque São Jorge pedem socorro quanto aos barulhos de bares e pancadões realizados a cada quinze dias no bairro. Segundo informações um bar e uma adega se dividem entre as datas para realizar eventos que tem como atrativo o som alto, com isso agregam um grande número de pessoas que além de consumir bebidas fazem aglomerações nas portas das casas dificultando a passagem de

direito dos moradores. Já a Avenida Eduardo Pereira Ramos com a Professor Carlos Decourt no Parque São Jorge os moradores que desejam dormir aos finais de semana tem que sair da casa e ir para casa de parentes ou amigos como lamenta o morador José da Silva. “Eu já sei quando vai ter o pancadão porque é divulgado nas redes sociais, eu já me organizo para ir para a casa da minha filha, pois o local recebe mais de três mil pessoas e vai de

sexta a domingo” . Todos que fizeram a queixa apresentaram reclamações nos órgãos públicos, porém não tiveram sucesso, por isso pedem socorro para ter um pouco de paz. Essas foram reivindicações de um grande número de munícipes durante o encontro do Conselho Comunitário de Segurança da Vila Joaniza no último dia 14, realizada na UNIESP Interlagos, localizada na Rua David Eid, 241, Vila Castelo.

O acidente com Edifício Wilton Paes de Almeida, Largo do Paissandu, poderia ser evitado? Muito se tem falado (na mídia e nas redes sociais), sobre o incêndio que levou ao desabamento do Edifício Wilton Paes de Almeida, localizado no Largo do Paissandu. O incidente que deixou, segundo informações dos noticiários, 146 famílias desabrigadas e pessoas ainda desaparecidas, marcou o dia 1º de maio, data em que se comemora o dia do trabalho no Brasil. Entre os diversos tipos de comentários e leituras sobre o acidente, é possível encontrar, por um lado, opiniões que culpabilizam as famílias e o próprio movimento de luta por moradia por terem ocupado o prédio sem a priori, condições de habitabilidade e, por outro, os que conseguem ler nesta tragédia a real situação da ausência de condições ao acesso à moradia pelas camadas mais pobres no país. Mas o que leva estas famílias a ocupar um prédio supostamente condenado? Por que elas não foram

morar em outro local, mais seguro? Diante de tantas especulações acerca do que poderia ter sido feito para evitar o acidente, ou ainda, quem seriam os culpados, o que se pode considerar é que a ocupação do Edifício Wilton Paes de Almeida, e de tantos outros imóveis ocupados de forma precária em diversas cidades do Brasil, é um reflexo da formação social desigual histórica do Brasil. E, sim, os desdobramentos deste quadro de desigualdade levam milhares de famílias a, como única alternativa, ocuparem espaços com pouca ou sem nenhuma condição de morar. Isso não é uma escolha, mas a falta dela! Assim como a alimentação e a saúde, a moradia é uma necessidade humana, pois, além se ser um abrigo, é também um local de identidade e privacidade. Nesse sentido, a ocupação do Prédio no Largo Paissandu materializa a luta por espaço, como

forma, ainda que precária, de suprir uma necessidade humana. Esta forma de ocupar vazios urbanos é também meio de se efetivar um direito garantido tanto na Constituição Federal de 1988, quanto no Estatuto da Cidade, trata-se do direito à moradia. Ocorre que, o direito de morar não se resume apenas a ocupar ou fazer o uso de uma unidade habitacional. Outras necessidades devem ser supridas, como o acesso à água tratada, à energia elétrica, ao transporte, às políticas de saúde, de educação. Em uma situação de ocupação, esses itens também tendem a ser providos de forma improvisada. Como por exemplo, ligações “clandestinas” de rede energia elétrica, que por sua vez, tendem a causar incêndios. Teria sido este o motivo que levou o desabamento do Edifício Wilton Paes de Almeida, localizado no Largo do Paissandu? Parece ser uma das hipóteses.

O déficit habitacional no Brasil é um problema estrutural, pois diz respeito ao modo como, historicamente, se deu o uso e a ocupação do solo, bem como a produção de moradias nas cidades brasileiras. Em detrimento do uso social do solo, as cidades brasileiras são planejadas como grandes centros comerciais e não como espaços a serem vividos por aqueles que a habitam. As cidades são planejadas sem considerar políticas habitacionais e outros serviços públicos, como saúde, educação, transporte, entre outros, que de fato atendam a demanda dos cidadãos. Neste cenário, o solo e a moradia são meras mercadorias, cujo valor, não está ao alcance da maioria das famílias, principalmente as de menor renda. Se a questão é como evitar este tipo de tragédia, teríamos de debater

a urbanização no Brasil e indagar o porquê de poucos terem muito, e muitos terem tão poucos para viver. Mas, em poucas palavras, podemos afirmar que só quando a moradia deixar de ser vista como um bem, uma propriedade, objeto de especulação e garantia de lucro, e passar a ser considerada, tanto pela sociedade, quanto pelo poder público, como um direito básico, é que este tipo de tragédia será, quem sabe, reduzida. Isto significa que acidentes como o que ocorreu com Edifício Wilton Paes de Almeida podem ser evitados se a população tiver outras alternativas de moradias nas cidades onde vivem. Ocupar não é crime, ocupar um abrigo/uma moradia é uma necessidade humana! Autora: Valdirene da Rocha Pires é professora do curso de Serviço Social do Centro Universitário Internacional Uninter.


16 DE MAIO a 5 de junho de 2018

|9


10|

16 DE MAIO a 5 de junho de 2018

18 de maio, o Dia do Vidraceiro *Por Dermival Poçan Responsável pela projeção e execução de corte, lapidação, furação e a instalação do vidro comum ou temperado nos mais diversos ambientes, o vidraceiro tem o seu dia celebrado em 18 de maio. Quando atua na construção civil, o especialista realiza a instalação do vidro na fase final do acabamento da obra, justamente para evitar riscos de danos aos produtos e até mesmo aos demais materiais nos ambientes. Agora fica a pergunta: para a realização desse serviço é necessária ou não uma bela combinação de talento e técnica? Com certeza, sim. Por isso é tão importante a capacitação e a atualização de quem atua nessa área constantemente. Afinal, novos equipamentos e tecnologias surgem a todo momento e podem aumentar a produtividade do profissional.

E produtividade é tudo o que esses especialistas precisam, uma vez que há um leque enorme de atuação para os vidraceiros, com novos mercados que vão desde a vidraçaria até o setor automotivo, por exemplo. Devido às altas exigências do setor, cada vez mais é necessário realizar treinamentos e capacitações, não somente para buscar o aperfeiçoamento, mas também, para estar atento às novidades, aos modelos de ferramentas que podem ser usadas no dia a dia do trabalho e também para fazer a melhor escolha de equipamentos e saber utilizá-los. Dentro deste universo de ferramentas, algumas dicas práticas são bem importantes, como, por exemplo, quando o especialista utiliza a broca para furar vidro: sempre recomendo que o vidro fique preso com um grampo rápido,

assim, é possível evitar vibrações que possam trincá-lo. O ideal é usar uma furadeira de bancada, com rotação baixa e pouca pressão de avanço. Ao fazer o furo, é preciso uma broca de menor diâmetro e depois com a espessura desejada. Não é necessário fazer a refrigeração com água. Ao terminar, um aspirador de pó

é usado para sugar os resíduos que ficaram. Vale destacar ainda que, além das brocas, outras ferramentas são importantes para o trabalho do vidraceiro como: trenas, alicates, rebitadores, arcos de serra, grampos, níveis, esquadros, luvas, malas para armazenagem dos equipamentos, cinturão de ferramentas,

entre outros equipamentos. Estar ciente dessas orientações é importante para o dia a dia de trabalho do vidraceiro, pois ele precisa estar atento a vários fatores que possam interferir na sua rotina, afinal, aquilo que parece um detalhe pode, na verdade, fazer toda a diferença quando o assunto é produtividade e qualidade no manejo dos vidros. Parabéns a todos os vidraceiros! Parabéns a todos clientes e amigos. *Dermival Poçan é coordenador técnico de produto da IRWIN, empresa multinacional de ferramentas e acessórios para profissionais, especialmente desenvolvidos para atender as necessidades de trabalhadores das áreas da construção civil, marcenaria, mecânica, metalúrgica, elétrica, carpintaria, manutenção e reparo.

Aprovado o projeto de lei que cria o Programa de Castração Móvel O alto contingente de animais em situação de rua é um problema antigo na cidade de São Paulo. A criação inadequada, o descontrole na reprodução e o abandono, têm colaborado para o crescimento desse índice. Há alguns anos o

método de controle utilizado pela prefeitura era a captura e o abate dos animais. Porém, o aumento populacional contínuo provou a ineficácia da estratégia, tornando-a expressamente proibida por lei devido à sua crueldade. Rodrigo Goulart, Vice-Presidente da Câmara e Médico Veterinário defensor perseverante da causa animal, segue propondo estratégias e projetos que ajudam a reger a população canina e felina, além de prevenir a disseminação

de doenças. A mais recente vitória em nome da causa, foi a aprovação em segunda instância do seu projeto, em conjunto com outros vereadores, que institui a criação do Castramóvel, veículo equipado com material e pessoal técnico habilitado para efetuar a castração cirúrgica nos animais. O procedimento será feito, prioritariamente, em animais abandonados e para famílias de baixa renda interessadas na

Guia de Serviços

castração de seus animais. No texto do projeto, estão previstas as condições mínimas de instalações e equipamentos indispensáveis para os serviços: •Sala de ambulatório •Sala de assepsia; •Sala de cirurgia; •Sala de recuperação cirúrgica •Banheiro para uso da equipe médica-veterinária; •Balança para pesagem dos animais; •Kit para ressuscitação cardiorrespiratória; •Equipamentos para esterilização de materiais; •Ma-

terial para acondicionamento e descarte de resíduos de acordo com a legislação vigente. O Vereador mostrou-se animado com a aprovação: “Utilizando essa estratégia, aliada a políticas de instrução contra o abandono, muito em breve resolveremos a questão da superpopulação animal no município, garantindo uma vida melhor aos bichinhos”. O projeto segue, agora, para análise e sanção do Prefeito Bruno Covas.

Ligue para anunciar

5021-7010


CLASSIFICADOS

Guia de Serviços

16 DE MAIO a 5 de junho de 2018

| 11

Ligue para anunciar

5021-7010 Vidros para Construções em Geral

vendas@centralvidrossp.com.br

VIDRAÇARIA

BOM CLIMA

Vidro Temperado – Vidro Comum Espelhos – Box – Serigrafia a Frio 5588-5010 | 97033-1095

Rua Hugo Vitor Silva, 130 – Jd. Bom Clima www.vidracariabomclima.com.br

DENTISTA CIRURGIÃO DENTISTA Dr. Mário Teruo Minami CROSP 69147 FORMAÇÃO UNESP 1996

Rua Caramuru, 19 - Sl. 11 (em cima da loja Alô Bebê da Rua Luís Gois, 885) Próximo ao Metrô Santa Cruz | www.mtmodonto.com.br


12| 16 DE MAIO a 5 de junho de 2018

Sítio da Ressaca e seu valor histórico em São Paulo

Sitio da Ressaca e seu valor histórico

Embora a área da casa do Sítio da Ressaca permanece concentrada no centro do Jabaquara, próximo à estação, muitos moradores passam despercebidos pelo local. A casa de estilo bandeirista é um rico lugar que traz diversas marcas de pessoas, que em algum momento passaram por lá, muitos foram donos e outros foram aqueles que procuravam abrigo para fugir da escravidão. Diante

de abundantes histórias durante seus 299 anos, a casa atualmente possui paredes frágeis, algumas com apoio de madeiras para se manter no local e preservar características da época. A casa é um local ideal para quem visa conhecer um pouco mais da história do distrito do Jabaquara, já que é o local pioneiro do loteamento da área. Localizado próximo ao metrô Jabaquara, o

Sítio da Ressaca e seu valor histórico em São Paulo - A casa-sede do Sítio da Ressaca em 1938

Sítio da Ressaca, torna-se um ambiente de fácil acesso para quem deseja visita-lo durante o dia. ao entorno da casa há muitas árvores que torna o ambiente agradável e calmo como também divide a área com Centro de Culturas Negras do Jabaquara. A visita ao local é recomendada para pessoas de todas as idades, desde estudantes para explorar a área em busca de

conhecimento, como também para pessoas de mais idade que buscam um lugar calmo para passar o fim da tarde. Aos arredores da área, há muitos edifícios de moradias, avenidas com fluxo intenso de automóveis. Por conta dessas dentre outros fatores, o local é despercebido por alguns moradores que passam por perto. Diante de tanta história, o

local foi reconhecido somente no século XX, pelo seu valor histórico na cidade de São Paulo, transformando como parte do patrimônio público, assim como as demais casas do mesmo estilo arquitetônico. O tombamento ocorreu em 1972 pelo Condephaat e pelo Conpresp em 1991. Acompanhe mais assuntos sobre o Sítio da Ressaca na próxima edição.

PNEUS

CUPECÊ Pneus REMOLD direto da Fábrica COM GARANTIA E SELO INMETRO

Pneus Aro 14 A PARTIR

R$

139

CONSULTE-NOS PNEUS MEIA VIDA

,00 ISTA

ÁV

Pneus Aro 15 A PARTIR

R$

149

PARCELAMENTO EM ATÉ

3X

,00

NO CARTÃO

ISTA

ÁV

Pneu NOVO Aro 15

259

R$

,00 0

( 5622-7959 | 9.8446-1381

Avenida Cupecê, 4067 - Americanópolis ( Próximo ao SUPERMERCADO EXTRA) *PROMOÇÃO VÁLIDA ENQUANTO DURAREM OS ESTOQUES

Jornal Jabaquara em Notícias  

Ano 27 - Edição 537

Jornal Jabaquara em Notícias  

Ano 27 - Edição 537

Advertisement