Page 1

A NOVA RAÇA: a evolução


Gerônimo B. Pereira

A NOVA RAÇA: a evolução

São Paulo 2011


Copyright © 2011 by Editora Baraúna SE Ltda Capa AF. Capas Projeto Gráfico Aline Benitez Revisão Pedro Chimachi

CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO-NA-FONTE SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ ________________________________________________________________

P491n

Pereira, Gerônimo B. A nova raça / Gerônimo B. Pereira. - São Paulo : Baraúna, 2011. ISBN 978-85-7923-327-2 1. Evolução humana - Ficção. 3. Ficção brasileira. I. Título. 11-4139. 08.07.11

CDD: 869.93 CDU: 821.134.3(81)-3 14.07.11

027912

________________________________________________________________ Impresso no Brasil Printed in Brazil DIREITOS CEDIDOS PARA ESTA EDIÇÃO À EDITORA BARAÚNA www.EditoraBarauna.com.br Rua Januário Miraglia, 88 CEP 04507-020 Vila Nova Conceição - São Paulo - SP Tel.: 11 3167.4261 www.editorabarauna.com.br www.livrariabarauna.com.br


“A HUMANIDADE ESTÁ PREPARADA PARA O PRÓXIMO PASSO EM SUA EVOLUÇÃO?”

5


6


Agradeço: A DEUS, pela generosidade Aos meus pais, pelo apoio. À minha família, pela dedicação. Aos meus amigos, pelo incentivo.

7


8


Ao Prof. Jo達o B. Campos (Prof. Campos) de Filosofia e Letras por ter me influenciado a seguir pelos caminhos das escritas.

9


10


“Todas as tradições de sabedoria afirmam que nossa meta é ilimitada. O campo da vida humana é um campo de infinitas possibilidades. No interior de cada homem há um deus em embrião. Ele só tem um desejo. Ele só quer nascer”.

Dr. Deepak Chopra

11


12


Apresentação A lei que rege o Universo, a “Causa” e o “Efeito”, é a responsável por muitos fenômenos e acontecimentos desde os tempos mais remotos. A necessidade do ser humano por adaptar-se a um ambiente: a “Causa”; a evolução da espécie humana: o “Efeito”. Na pré-história, quando o primeiro homem das cavernas atacou e feriu alguém de sua espécie somente para defender o seu território ou, talvez, para adquirir algo que estava em poder de outro, que foi ferido, tornou-se, consequentemente, precavido, astuto e certamente adotara um estilo guerreiro passando este conceito às suas gerações futuras como forma de se proteger e atacar os seus inimigos. Garantindo, assim, a sua sobrevivência. O futuro da evolução humana, a partir dos dias de hoje, podemos notar que não será diferente. Não existirão outras alternativas. A clava que feriu aquele homem primitivo é uma arma obsoleta: um armamento totalmente ultrapassado se comparado com as armas que sequencialmente foram inventadas. 13


Os soldados da Idade Média, com seus arcos e flechas, escudos e espadas, montados em seus cavalos, aniquilariam facilmente um exército desses homens das cavernas, ainda que eles — os primatas — possuíssem um espírito guerreiro, porém, sem uma completa evolução física, mental e belicamente preparado para a guerra. As modernas armas criadas nos últimos tempos causam espanto. Pois, de tão avançadas, deixam claro que se tornaram belicamente fundamentais para causar uma hecatombe sem precedentes. Armas biológicas e químicas, o câncer e outras situações que, possivelmente, deixarão a humanidade à beira da completa extinção o farão viver, num futuro próximo, sob o peso de sua incapacidade de romper as barreiras das incertezas: que o próprio homem possa garantir um longo domínio da humanidade sobre a Terra. O futuro da perpetuação da humanidade, com relação às guerras e pestilências que assolarão as próximas gerações, está no conhecimento das ciências genéticas, que tornará possível amalgamar com sistemas de defesa os seus corpos, tornando-os imunes contra esses ataques. O Dr. Willian Clyde e sua equipe, sob as ordens do governo americano, investem em suas pesquisas com o intuito de criar seres humanos perfeitos, geneticamente modificados, capazes de resistirem às alterações generalizadas que o planeta vem sofrendo, à proliferação de doenças e, principalmente, contras as devastadoras armas químicas e biológicas, em caso de guerra. Algo que vem ocorrendo naturalmente, desde o surgimento das primeiras formas de vida até o homem

14


moderno, denominado como a “evolução humana”, ainda está ocorrendo até os dias de hoje, para que o homem possa adaptar-se ao seu ambiente. Porém, está ocorrendo com uma morosidade milhares de anos. A necessidade do homem atual por deixarem seus herdeiros povoarem a Terra faz com que ele, valendo-se de seu intelecto superior, pesquise as “Causas”, tentando combater os “Efeitos”. O Dr. Willian Clyde, o faz. Em alguns casos contrariando certas crenças religiosas, que julgam as suas pesquisas como projetos demoníacos, ou chocando-se contra as cláusulas das ciências genéticas que, como a clonagem, proíbem o uso de cobaias humanas em suas pesquisas. Mas, algo será feito. Algo que tornará o ser humano capaz de adaptar-se a um mundo caótico, inóspito. Algo que o tornará A NOVA RAÇA, que assumirá a sua posição na escala evolutiva.

Gerônimo B. Pereira

15

A Nova Raça: A Evolução  

No livro, A Nova Raça: A Evolução, o governo americano mantivera em segredo, por mais de trinta anos, o Projeto Gênesis, que visava sintetiz...

Advertisement