__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1

www.informationmanagement.com.br

A revista dos profissionais da informação Ano 13 - Número 92 -ABR 2020

Especialistas cobram do governo regulamentações específicas sobre a LGPD - pag. 12 A Contribuição da Ciência da Informação para a LGPD - Por Camila Denículi - Pag 29

O ECM tradicional perdendo sua relevância - Por José Guilherme Junqueira D. de Souza - Pag 37

Por Prado Junior - Pág 06

“Transformação digital será uma realidade para impulsionar os negócios” diz executivo da Pegasystems - Pag 49


Os associados da ABEINFO te soluções para o gerenci

Associação de Empresas e Profissionais da Informação

A mais importante associação para quem precisa entende A ABEINFO é um núcleo associativo do Instituto Information Management com o propósito de reunir Usuários e Fornecedores de Tecnologias para o Gerenciamento de Informações com o objetivo de Promover o Desenvolvi-

mento do Mercado, a Capacitação de sua Força de Trabalho e principalmente as Novas Tecnologias para a Gestão de Informações que estão possibilitando Melhoria de Produtividade, Otimização de Recursos e Governança.


em as melhores tecnologias e iamento de informações www.3adigitall.com.br

www.accesscorp.com.br

www.agmlogistica.com.br

www.armazemdedados.com.br

www.arktec.com.br

www.arquivar.com.br

www.asg.com

www.automate.com.br

www.cassdoc.com.br/

www.centralinf.com.br/

www.cogra.com.br

www.domore.com.br

www.easydrive.com.br

www.guardwell.com.br

www.hdbsystems.com.br

www.ibsdocs.com.br

www.metrofile.com.br

https://mostqi.com.br

www.mycroarq.com.br/

www.navisystem.com.br

www.osas.com.br

http://www.prtidigital.

www.renova.net.br

www.rrdoc.com.br

www.scansystem.com.br

www.validcertificadora.com.br

www.workprint.com.br

www.stoque.com.br

www.tecmach.com.br

www.rnp.br

www.temposolucoes.com.br

www.interfy.io

www.ltigroup.com.br

www.paarquivos.com.br

www.sicolos.com.br

er a importância da Gestão de Informações nos negócios

Associe sua empresa Conheça os benefícios: http://bit.ly/2GMYKgJ ABEINFO – Associação das Empresas e Profissionais da Informação. Rua Anhanguera, 627 – Barra Funda – 01135-000 – São Paulo / SP –Tel : (11) 3392-4111 - Email: contato@iima.com.br


Entrevista com Peggy Winton, CEO da AIIM

NÚMERO 90 2020 NÚMERO 79 | FEVEREIRO DE |2019

06

do gov esp

Ipsa volupta ecerem velibustis etusdae volorro id quodit doluptae volorior re doloribus cullo tenda ipsum, occusandisci conestem iniet et odia voluptatus quas ad quam,

conteúdo do mês Tecnologia para a segurança de anúncios online avança para evitar fraudes Por Prado Junior

pág 16

pág 25

A Contribuição da Ciência da Informação para a LGPD

Brasil, um novo mercado em crescimento para a ECM

pág 29 O ECM tradicional perdendo sua relevância

pág 37

pág 41 O adiamento da Lei Geral de Proteção de Dados


matéria de capa / pág 06 Especialistas cobram verno regulamentações pecíficas sobre a LGPD

PUBLISHER

Eduardo David eduardo@guiabusinessmedia.com.br CONSELHO EDITORIAL

Walter Koch - Wilton Tamane - José Guilherme Junqueira Dias Angelo Volpi - Cinthia Freitas - Luiz Alfredo Santoyo - Christian Ribas Marcio Teschima - Carlos Bassi ATENDIMENTO AO CLIENTE

Gicelia Azevedo

gicelia@iima.com.br

REDAÇÃO

Prado Junior

pradojr@iima.com.br

PRODUÇÃO GRÁFICA

Halan Santos

halan@iima.com.br

WEB DESIGNER

Igor de Freitas

igor@iima.com.br

ADMINISTRAÇÃO

Tadeu Nunes tadeu@iima.com.br Mariana Dantas mariana@iima.com.br CENTRAL DE ATENDIMENTO - (11) 3392-4111 INFORMATION MANAGEMENT – Revista especializada no tema Gerenciamento de Informações, Documentos e Digital Business. Distribuição Nacional. Publicação oficial do INSTITUTO INFORMATION MANAGEMENT – IIMA - Rua Anhanguera, 627 Barra Funda - 01135-000 - São Paulo - SP

entrevista

Maurício Prado pág 49

O INSTITUTO INFORMATION MANAGEMENT - IIMA é uma organização que reúne profissionais e empresas que trabalham com processos envolvendo o gerenciamento de documentos e informações. Sua missão é promover a capacitação profissional e o desenvolvimento do mercado por meio um amplo portfólio de serviços como Cursos, Congressos, Consultoria, Livros e Publicações, Certificações, Workshops, Programas Educacionais ao vivo, entre outros. Um corpo multidisciplinar composto por Consultores, Analistas, Professores, Jornalistas e Pesquisadores está na base da produção do conhecimento gerado diariamente pelo INSTITUTO com o objetivo de ajudar os profissionais e empresas a lidarem com o Caos da Informação e a constante evolução tecnológica. O IIMA conta hoje com 40 mil profissionais participantes. DIREÇÃO

Eduardo David eduardo@iima.com.br Tadeu Nunes tadeu@iima.com.br

Transformação digital será uma realidade para impulsionar os negócios

CONSULTORIA E CURSOS

Wilton Tamane consultoria@iima.com.br ATENDIMENTO AO ASSOCIADO

Gicelia Azevedo

gicelia@iima.com.br

CONSELHO TÉCNICO:

coluna

Tadeu Cruz

Covid-19 e proteção de dados pessoais: o antes, o agora e o depois

pág 77

Walter Kock consultor, autor, palestrante Wilton Tamane consultor, professor e palestrante Márcio Teschima empresário, palestrante Tadeu Cruz professor, autor , palestrante Angelo Volpi notário, professor, autor e palestrante Carlos Bassi consultor, professor e palestrante José Guilherme J. Dias professor, consultor e palestrante Cínthia Freitas professora, autora consultora e palestrante PARA SE ASSOCIAR LIGUE: (11) 3392-4111 ramal 29 ou acesse: www.abeinfobrasil.com.br INSTITUTO INFORMATION MANAGEMENT - IIMA Rua Anhanguera, 627 - Barra Funda 01135-000 - São Paulo - SP Tel: (11) 3392-4111

Associação das Empresas e Profissionais da Informação

www.abeinfobrasil.com.br

www.informationmanagement.com.br www.informationmanagement.com.br


matéria de capa

Especialistas cobr governo regulamen específicas sobre a 6

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


Proposta de adiamento leva em conta a paralisação por conta do coronavírus e pode dar mais tempo para empresas e governo se adequarem. Por Prado Junior O adiamento da vigência da nova Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) parece inevitável. No entanto, especialistas ouvidos pelo Instituto Information Management alertam sobre a criação e implantação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD), que já deveria estar funcionando desde o ano passado.

Pandemia

ram do ntações a LGPD www.informationmanagement.com.br

O Senado Federal aprovou em 03 de abril, o projeto de lei 1.179/20, que suspende uma série de dispositivos legais por conta da pandemia de coronavírus – e entre eles adia a vigência da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, a Lei 13.709/18, que começaria a valer a partir de 15 de agosto deste 2020. A ideia do autor, senador Antonio Anastasia (PSD-MG) era adiar a LGPD por mais um ano – lembrando que a ‘vacatio’ já foi de dois anos, tendo sido aprovada em agosto de 2018. A relatora do PL, senadora Simone Tebet (MDB-MS) alegou ter buscado um meio-termo. Com isso, o texto aprovado adia a vigência da LGPD para janeiro de 2021, mas sendo que as sanções passam a vigorar em agosto do ano que vem.

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

7


matéria de capa

Aristóteles de Abreu (BRQ Digital Solutions), Wagner Hiendlmayer (Digisystem) e Lucas Paglia (P&B Compliance)

Ainda há incertezas sobre esse adiamento, já que o Ministério Público Federal se manifestou contrário ao adiamento da data da entrada em vigor da LGPD. O MPF e entende que tal adiamento passa uma imagem negativa do País à comunidade internacional.

Especialistas O Instituto Information Management ouviu Aristóteles de Abreu, consultor e membro do Comitê de LPGD na BRQ Digital Solutions, Wagner Hiendlmayer, diretor de infraestrutura e Cyber Risk da Digisystem e Lucas Paglia, sócio da P&B Compliance, advogado especialista em gerenciamento, mitigação e mapeamento de risco. Eles repercutiram o possível adiamento e também opinaram sobre a LGPD, seu conte-

www.informationmanagement.com.br

údo e as possíveis consequ- ais caso seja necessário. ências caso o adiamento se Wagner: A LGPD se apreconfirme. senta um importante passo IM: Qual a opinião sobre o na preservação dos direitos fundamentais, na governança conteúdo da LGPD? das instituições e na transAristóteles: Muito bom, pois parência das relações entre apresenta regras para pro- pessoas e empresas. Embora teção de dados pessoais, apresente importantes semetrazendo mais segurança à lhanças com a GDPR (Regupopulação. Com a LGPD, de lamento Geral sobre a Proteforma geral, cada pessoa de- ção de Dados - regras sobre verá autorizar previamente privacidade de dados válida que seus dados sejam uti- na União Européia), a LGPD lizados e armazenados por talvez não tenha se aprofunuma determinada empresa. dado nos detalhes da mesma Com isso, o uso dela pode forma, deixando para a Autogarantir que as informações ridade Nacional de Proteção pertencentes a cada cidadão de Dados a responsabilidade não sejam utilizadas de for- de definir um conjunto de ma inadequada. Além disso, práticas e orientações para a LGPD também mostra que diferentes mercados. Mas, o o indivíduo é o verdadeiro conteúdo da lei atende aos dono das suas informações anseios da sociedade quanpessoais em um mundo cada to à transparência no uso das vez mais digital e conectado, informações pessoais, e depodendo assim, pedir a ex- volve às pessoas o controle clusão de seus dados pesso- quanto ao tratamento

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

8


COMUNICADO IMPORTANTE Diante do atual cenário causado pelo COVID-19 e preocupado com o bem estar de nossos Palestrantes, Congressistas e Patrocinadores, o IIMA – Instituto Information Management decidiu reprogramar as datas de seus eventos do primeiro semestre.

2020

Veja a nova programação

2020 Edição FORTALEZA

SP ⦁ RJ ⦁ CE ⦁ SC ⦁ RS ⦁ SE

Edição JOINVILLE Dia: 09 de Setembro

Local: MERCURE JOINVILLE PRINZ HOTEL Rua Otto Boehm, 525 – América, Joinville – SC, 89201-700

Edição PORTO ALEGRE Dia: 11 de Setembro

Local: FIERGS Av. Assis Brasil, 8787 – Sarandi, Porto Alegre – RS, 91140-001

Dia: 13 de Novembro

RPA + AI

Local: A definir

20

DIAS 28 E 29 DE OUTUBRO - SÃO PAULO / SP

Edição SÃO PAULO

Dias: 28 e 29 de Outubro

Dia: 24 de Novembro

R. da Paz, 1431 – Chácara Santo Antônio (Zona Sul), São Paulo – SP, 04713-001

Rua Haddock Lobo, 294 – Cerqueira César

Local: Amcham Brasil

2020 SP ⦁ RJ ⦁ CE ⦁ SC ⦁ RS ⦁ SE

Edição ARACAJÚ Edição RIO DE JANEIRO

Dias: 24 e 25 de Setembro

Local: Hotel Prodigy Santos Dumont Av. Alm. Silvio de Noronha, 365 – Centro, Rio de Janeiro – RJ, 20021-901

Dia: 10 de Novembro

Local: Hotel Intercity São Paulo Paulista

Segmento: RH – Recursos Humanos

Dia: 03 de Dezembro

Local: Hotel Intercity São Paulo Paulista Rua Haddock Lobo, 294 – Cerqueira César

Local: A definir

Segmento: CSC – Centro de Serviços Compartilhados

Edição FORTALEZA

Dia: 04 de Dezembro

Local : A definir

Rua Haddock Lobo, 294 – Cerqueira César

Dia:12 de Novembro

2021 Dias: 24 e 25 de Março de 2021

Local: Hotel Intercity São Paulo Paulista

Digital

Local: Amcham Brasil

R. da Paz, 1431 – Chácara Santo Antônio (Zona Sul), São Paulo – SP, 04713-001

- 11ª edição do Congresso INFORMATIONSHOW - 2ª edição do Fórum OUTSOURCING Brasil - 2ª edição do Congresso ABEINFO sobre ORGANIZAÇÃO & GESTÃO DE DOCUMENTOS

Para mais informações sobre os eventos: contato@iima.com.br

20 21


Robotic Process Automation

RPA ESTÁ NO NOSSO DNA FULL RPA SERVICES

Alocação de Profissionais Suporte & Monitoramento

Execução de Projetos Robot-As-A-Service

Treinamentos

Licenciamento de Software

Implantação de CoE

Mentoring FALE CONOSCO S ICOLOS @S ICOLOS .COM. B R

( 1 1 ) 3522-1 0 9 9

AV. PAULISTA , 575 – 19 A NDAR S ÃO PAULO – S P

W W W. S I COLOS .COM. B R

to Go e Sit


matéria de capa verá autorizar previamente que seus dados sejam utilizados e armazenados por uma determinada empresa. Com isso, o uso dela pode garantir que as informações pertencentes a cada cidadão não sejam utilizadas de forma inadequada. Além disso, a LGPD também mostra que o indivíduo é o verdadeiro dono das suas informações Especialistas pessoais em um mundo cada O Instituto Information Ma- vez mais digital e conectado, nagement ouviu Aristóteles podendo assim, pedir a exde Abreu, consultor e mem- clusão de seus dados pessobro do Comitê de LPGD na ais caso seja necessário. BRQ Digital Solutions, Wagner Hiendlmayer, diretor de Wagner: A LGPD se apreinfraestrutura e Cyber Risk senta um importante passo da Digisystem e Lucas Paglia, na preservação dos direitos sócio da P&B Compliance, fundamentais, na governança advogado especialista em das instituições e na transgerenciamento, mitigação e parência das relações entre pessoas e empresas. Embora mapeamento de risco. apresente importantes semeEles repercutiram o possível lhanças com a GDPR (Reguadiamento e também opina- lamento Geral sobre a Proteram sobre a LGPD, seu conte- ção de Dados - regras sobre údo e as possíveis consequ- privacidade de dados válida ências caso o adiamento se na União Européia), a LGPD talvez não tenha se aprofunconfirme. dado nos detalhes da mesma IM: Qual a opinião sobre o forma, deixando para a Autoridade Nacional de Proteção conteúdo da LGPD? de Dados a responsabilidade Aristóteles: Muito bom, pois de definir um conjunto de apresenta regras para pro- práticas e orientações para teção de dados pessoais, diferentes mercados. Mas, o trazendo mais segurança à conteúdo da lei atende aos população. Com a LGPD, de anseios da sociedade quanforma geral, cada pessoa de- to à transparência no uso Ainda há incertezas sobre esse adiamento, já que o Ministério Público Federal se manifestou contrário ao adiamento da data da entrada em vigor da LGPD. O MPF e entende que tal adiamento passa uma imagem negativa do País à comunidade internacional.

www.informationmanagement.com.br

das informações pessoais, e devolve às pessoas o controle quanto ao tratamento dessas informações por cada instituição, restabelecendo um equilíbrio entre essas relações e contribuindo para a prevenção dos constantes episódios de abuso. Lucas: A LGPD tem por base a GDPR – diretrizes de privacidade europeia – que é muito bem aceita pelos países europeus. Lá, o conceito de privacidade é discutido há mais tempo e com mais profundidade. Portanto, basear-se em uma lei amplamente discutida e com resultados já observados pode ser interessante. Cabe ao Brasil entender esse conceito e trazer para a nossa realidade. A própria lei no nome já diz “GERAL”. Ou seja, será necessária a regulamentação em larga escala pela autoridade nacional (ANPD) – que se faz urgente ser criada. IM: O possível adiamento será bom ou ruim? Aristóteles: Entendo ser importante o adiamento. Não só agora, pelo momento que estamos passando, mas porque também não havia definições claras e estruturadas de como seria o funcionamento da ANPD (Autoridade Nacional de Proteção de Dados). Além

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

11


matéria de capa disso, existem também, algumas lacunas na lei, que precisam de regulamentações especificas. Como consequência do adiamento, entendo ser importante para que as empresas possam ter mais tempo para se preparar e mais tempo para que as lacunas existentes sejam suprimidas. Por fim, devido a covid-19, talvez tenha que haver a revisão de pontos, uma evolução da Lei, para atender o novo cenário que surge no horizonte, no pós-crise. Wagner: Embora a iniciativa do PL 1179/2020 ainda necessite da aprovação pela Câmara dos Deputados e posterior sanção presidencial, tudo indica o adiamento do início da vigência da Lei Geral de Proteção de Dados irá ocorrer. Esta não foi a primeira iniciativa e outros PLs já haviam sido propostos neste mesmo sentido. A recorrência no adiamento do início da vigência me preocupa ainda mais do que a efetiva data de início da Lei. Ainda que este PL seja aprovado, continuamos atrasados na formação da ANPD (Autoridade Nacional de Proteção de Dados), que já está vigente e ainda não houve nomeação pelo Poder Executivo - ela deveria ser empossada ainda em 2019. O adiamento é um sintoma da nossa incapacidade de cumprir cronogramas, evidenciando que deixamos tudo para a última hora, trazendo importantes prejuízos para a sociedade. Para as empresas, o efeito deste adiamento nos orçamentos que já haviam sido pactuados pode gerar consequências importantes para os diagnósticos e planos de ação que já haviam sido elaborados. Devemos lembrar que o PL que prevê o adiamento da LGPD contém um conjunto de medidas de flexibilização para o enfrentamen-

www.informationmanagement.com.br


to do novo coronavírus, mas já estávamos atrasados muito antes do surgimento desta pandemia.

covid19. Apesar da ausência da ANPD, mesmo assim o adiamento foi fundamental para as empresas olharem com os devidos olhos para a Lucas: O adiamento no cená- LGPD e o cenário de privacirio atual é positivo. As empre- dade no Brasil e no mundo. sas vinham apertadas durante muito tempo. Tiveram um IM: O que pode acontecer início de 2020 bem positivo até 2021. As empresas irão se e se prepararam para come- adequar? çar a adequação – que leva tempo, necessita de equipe Aristóteles: Muita coisa dedicada e tem investimento pode acontecer. Mas entenfinanceiro. Ou seja, por mais do que com atual crise, a área que a lei tivesse sido sancio- de TIC – Tecnologia da Infornada em 2018, pouca mo- mação e Comunicação - vem vimentação havia ocorrido. ganhando um grande destaTivemos a pandemia do Co- que, pois uma parte dos travid19 que tem atrapalhado o balhadores estão atuando de plano econômico da grande forma remota, compras onlimaioria das empresas do Bra- ne são cada vez maiores, reusil. Seria muito difícil destinar niões sejam elas de trabalho qualquer verba de investi- ou familiares são realizadas mento nesse momento. A lei virtualmente. Então, o uso de poderia cair no esquecimen- tecnologia e transferência de to. Dessa forma, melhor “dar dados vem crescendo de forum respiro” para as empresas ma exponencial. O foco agopara que haja tempo para ra é pensarmos como vamos uma adequação necessária caminhar no pós-covid-19, em um tema muito impor- como serão as relações de tante. Entretanto, reitera-se trabalho, de compras, e em que a criação da autoridade praticamente em todos os nacional (ANPD) é urgente e setores da economia. Portannecessária. No atual momen- to, a preparação das empreto, muito poderia ter ajudado sas é cada vez mais, conhecer a autoridade, dando dire- seus processos, fazendo seus trizes de como realizar, por assessments, entender quais exemplo, home office emer- os gargalos internos existengenciais e como poderiam tes e como isso pode ser suser compartilhados os dados perado, para que a LGPD seja de saúde dos infectados pelo colocada em prática.

www.informationmanagement.com.br

Wagner: Temos auxiliado diversas instituições na implementação do Programa de Proteção de Dados, com o objetivo de garantir conformidade com a Lei, mas esta não é a realidade de uma parcela importante das empresas brasileiras. Ainda temos visto companhias se mobilizarem de forma muito tímida, e certamente a ausência da ANPD e as constantes iniciativas de adiamento reforçam o ceticismo sobre a eficácia da Lei. As empresas que já estavam em fase adiantada de adequação estarão em uma condição bastante privilegiada em 2021, uma vez que a confiança dos usuários de que seus dados não serão utilizados de forma inadequada certamente constitui uma vantagem competitiva. Para aqueles que veem o adiamento com alívio, o momento é de acelerar a adequação, pois não se trata de uma implementação simples. Lucas: Ainda dependemos de uma retomada econômica para ter maiores detalhes. Sendo assim, difícil opinar. A adequação irá ocorrer. É necessária. O Brasil tem compromissos perante a OCDE na matéria privacidade. O Brasil foi o 106º país no mundo a criar diretrizes e conceitos de privacidade. Ou seja, é global

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

13


Informações Protegidas.

Evoluindo a maneira como o mundo gerencia informação, prestando o melhor serviço. Soluções Access Guarda de Documentos

BPO em Gestão Documental

Digitalização

Formalização de Contratos

Guarda na Web

Soluções Digitais

Destruição Segura

Guarda de Mídias

to Go e Sit


matéria de capa

a alteração de mentalidade. Precisamos nos desenvolver nessa seara. Algumas empresas europeias já estão se negando a assinar contratos com empresas brasileiras que não possuem regras de privacidade claras, bem como questionam do porquê da não entrada em vigor da LGPD. IM: Qual o melhor caminho para essa adequação? Aristóteles: Estruturar um comitê multiprofissional para acompanhar o processo do início ao fim, criar e desenvolver a figura do DPO (Data Protection Officer). Por fim,

www.informationmanagement.com.br

deve olhar para o movimento que o mercado de TI está passando no momento, devido ao covid-19, olhando para as oportunidades e refletindo sobre possíveis mudanças e / ou ajustes que podem ser feitos, para um possível aprimoramento da LGPD no pós-crise. Wagner: Para se atingir um nível de conformidade com a LGPD faz-se necessário que a instituição promova profundas mudanças culturais, além das questões processuais, tecnológicas e legais. É imperativo que cada empresa compreenda quais hipóteses de tratamento de dados são essenciais para o seu negó-

cio, pois cada um destes processos passará a representar um importante risco para a companhia em caso de vazamento ou comprometimento. As etapas de adequação se iniciam com um diagnóstico, conhecido como assessment, que tem por objetivo realizar a identificação e mapeamento dos riscos. Este assessment deve abranger todos os processos, todos os contratos e o parque tecnológico, incluindo as soluções de segurança da informação que já foram implementadas. Deverá haver mapeamento e posterior revisão de cada aspecto dos ciclos de coleta, processamento e descarte das infor-

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

15


matéria ENVIE SUAS NOTÍCIAS OU ARTIGOS PARA A REVISTA ABEINFO

Tecnologia para a segurança de anúncios online avança para evitar fraudes Em Julho estará circulando a 1ª edição da Revista A tecnologia para a segurança de anúncios vem avançando nos últimos ABEINFO - publicação anos, principalmente na Europa Bimestral da ASSOCIAÇÃO de Por Prado Junior

O e-commerce, também conhecido como comércio eletrônico ou comércio virtual é uma modalidade de transação realizada por meio de aparelhos eletrônicos conectados à internet, como computadores, smartphones e tablets.As empresas vêm aumentando investimentos no ambiente digital, principalmente no marketing de afiliados como forma de potencializar as vendas. Determinados sites, blogs e perfis nas redes sociais divulgam o produ-

to ou serviço de uma empresa, conquistando novos acessos, vendas e/ ou leads. Com isso, o afiliado ganha comissões específicas quando o produto que anuncia é adquirido. Os resultados são convertidos em credibilidade e ampliação de market share para as marcas. Porém, à medida em que o mercado de afiliação ganha espaço nas estratégias dos players de e-commerce, cresce também o número de violações no modelo de atribuição

das vendas, através de uma série de truques técnicos, como cookie dropping, siteunder e trocas de atribuição. O Brasil é o terceiro país que mais faz compras pela internet. O País lidera ainda o ranking de comércio eletrônico na América Latina, com participação nas compras de 59,1%, enquanto o segundo colocado, México, representa apenas 14,2% do montante. Cerca de 80 milhões dos brasileiros são consumidores de e-commerce.

Seja você também um patrocinador! 16

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


CHEGOU REVISTA PARA ENVIE SUAS A NOTÍCIAS OUQUEM ARTIGOS QUERASABER TUDOABEINFO SOBRE PARA REVISTA ~

AUTOMAÇAO INTELIGENTE DE Em Julho estará circulando a 1ª edição da Revista ABEINFO - publicação Bimestral da ASSOCIAÇÃO de PROCESSOS EMPRESAS e PROFISSIONAIS da INFORMAÇÃO.

> PARA RECEBER FREE leitor@iamagazine.com.br > PARA ENVIAR NOTÍCIAS, ARTIGOS E CASES redacao@iamagazine.com.br > PARA ANUNCIAR comercial@iamagazine.com.br Apoio

Realização

Seja você também um patrocinador!

Envie as Novidades de sua Empresa ou Artigos para publicação na Revista: redacao@ abeinfobrasil.com.br Para se associar: contato@iima.com.br Receba a revista GRATUITAMENTE Envie email para mariana@iima.com.br


matéria mações de diversas fontes de tráfego de afiliados, processa, analisa e traduz os resultados através de relatórios e gráficos disponíveis em dashboard para consulta e download. “Trabalhar com afiliados é uma estratégia de marketing digital importante e, para não colocar o orçamento em risco, é importante analisar os dados de forma a minimizar os custos com as ações fraudulentas”, afirma a executiva.

Atualmente, existem mais de 930 mil sites de e-commerce no Brasil. Segundo a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), a estimativa para 2020 é que as vendas online irão gerar um volume financeiro de R$ 106 bilhões. A cifra representa um crescimento de 18% sobre o ano anterior. “A tecnologia para a segurança de anúncios vem avançando nos últimos anos, principalmente na Europa. É possível rastrear e analisar as visitas ao e-commerce provenientes de diversas fontes, identificando a ocorrência de possíveis fraudes, evitando que a empresa desperdice seu budget remunerando afiliados que não foram de fato responsáveis por gerar uma venda”, explica Tatiana Albuquerque, CEO da Data Royal A empresa representa, com exclusividade no Brasil, a plataforma Adv. Cake, uma das líderes globais em detecção de fraudes em redes e programas de afiliados e retargeting. A Adv. Cake coleta automaticamente infor-

18

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

De acordo com a CEO, as empresas perdem mensalmente entre 12% e 50% com esse tipo de fraude. “Já tivemos um caso de um anunciante apresentar 72% de fraude, ou seja, 72% das vendas geradas através de afiliados obtinham violação na atribuição e a comissão que estava sendo cobrada para a empresa era indevida. Neste caso, este percentual representava mais de R$100 mil/ mês”, alerta Tatiana. Ela explica: “A plataforma Adv. Cake analisa todo o tráfego que chega no site e mapeia toda a jornada de cada usuário para identificar se a atribuição dos pedidos (vendas ou leads) teve uma violação, ou seja, foi manipulada para alterar a origem real do usuário comprador. Além de identificar se houve uma violação utilizando técnicas de “cookie dropping”, a plataforma classifica os afiliados em função do perfil e comportamento dos pedidos gerados por cada um, trazendo informações analíticas para o anunciante ter suporte para as tomadas de decisões sobre as suas campanhas e parceiros de afiliação. Por exemplo, um tipo de classificação possível é “baixo valor agregado” e pode ser aplicada para afiliados que são sites de cupom em que mais de 60% das vendas que ele gera para o anun-

ciante não tem código de cupom inserido pelo usuário comprador. Ou seja, a influência deste afiliado na conversão foi muito baixa e a plataforma mostra isso para que o anunciante possa decidir se esta parceria faz sentido para a estratégia dele ou não. Outros exemplos são afiliados de barra de extensão do Chrome, onde a maior parte dos pedidos que ele gera oferece um desconto quando o comprador já está com o carrinho formado seguindo para o pagamento. Além de não gerar influência relevante na conversão, faz a margem do anunciante diminuir, já que foi feita a oferta de um desconto no final do funil da venda”. Além de detectar fraudes e oferecer Analytics, a plataforma traz mais transparência para o mercado de afiliação. “Na maior parte das vezes, o anunciante nem sabe quem são os afiliados que rodam suas campanhas, já que o relacionamento fica restrito às redes de afiliação. Outra funcionalidade importante da plataforma é o Brand-Bidding, onde a tecnologia identifica anúncios veiculados no Google utilizando indevidamente as palavras-chave do próprio anunciante sem a autorização do mesmo o que, consequentemente, aumenta o custo do lance do anúncio. Com isso, a empresa consegue reportar ao Google estas ocorrências e garantir que o seu bid não seja inflacionado, permitindo reduzir seus custos em até 20%”, conclui Tatiana Albuquerque. No Brasil, a Data Royal já opera a plataforma em mais de 25 e-commerces, entre eles Animale, Asus, Descomplica, Farm, Giuliana Flores, Mobly, Rentscar, Wine, Grupo Restoque etc. Empresas como Samsung, Panasonic, Tefal, Purina, Philips e Olympus já usam a solução da Adv. Cake ao redor do mundo.

www.informationmanagement.com.br


CHEGOU A REVISTA PARA QUEM QUER SABER TUDO SOBRE ~

AUTOMAÇAO INTELIGENTE DE PROCESSOS > PARA RECEBER FREE leitor@iamagazine.com.br > PARA ENVIAR NOTÍCIAS, ARTIGOS E CASES redacao@iamagazine.com.br > PARA ANUNCIAR comercial@iamagazine.com.br Apoio

Realização


matéria

Marcelo Araújo

eBox Digital recebe certificação internacional ISO 27001 de segurança da informação Corporações mais criteriosas têm exigido, ao fecharem o contrato, que as empresas tenham a certificação. Empresa já se adequou à LGPD. Por Prado Junior

20

Estamos na era da informação. Todos os dias as empresas geram milhares de dados e documentos que depois são armazenados. Mas como fazer isso de forma segura e de acordo com a lei? É aí que entram as empresas especializadas em gestão de dados físicos e digitais.

Trata-se de uma referência internacional para a gestão da segurança da informação. O princípio geral da norma é a adoção, pela organização certificada, de um conjunto de requisitos, processos e controles com o objetivo de gerir adequadamente o risco da organização.

Entre as que se destacam estão aquelas que conquistaram o certificado ISO 27001, referência internacional para a gestão da segurança da informação. A eBox Digital é uma delas.

“Para nós, que somos uma empresa de gestão e proteção da informação, é fundamental obter essa certificação. Ser cliente de uma empresa certificada pela ISO 27001 é poder usufruir do benefício de contar com

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

um serviço adequado, no tocante a segurança da informação”, disse ao Instituto Information Management, Marcelo Araújo, diretor comercial da eBox. Ele continua: “Nossos clientes têm a certeza de que seus documentos estão protegidos, pois para ser certificada a empresa precisa ser auditada, além de seguir uma série de normas técnicas”. De acordo com Marcelo Araújo, as empresas com o ISO 27001 seguem um modelo adequado de implementação, operação, monitoração, revisão e gestão para o SGSI - Sis-

www.informationmanagement.com.br


matéria tema de Gestão e Segurança da Informação. “Corporações mais criteriosas têm exigido, ao fecharem o contrato, que as empresas tenham a certificação ISO 27001, pois assim sentem que foram implementadas práticas de segurança da informação. Afinal, o que as corporações querem ao buscarem uma empresa para gerenciar os seus documentos, é a certeza de que estarão seguras”, afirma.

Certificado A ISO 27001 é uma certificação criada pela International Organization for Standardization (ISO) e fornece um padrão internacional de sistema de gestão de segurança da informação. Em todo o mundo, ela é reconhecida por especialistas como a melhor prática internacional quando o assunto é gestão de segurança da informação, especialmente na luta contra os crimes cibernéticos. Marcelo diz que a certificação fez também com que a empresa se adequasse à Lei Geral de Proteção de Dados, que deveria entrar em vigor em agosto, mas que deve ser adiada. “Nós contratamos uma consultoria no início de 2019 e ficamos cerca de dez meses criando todas as normas e procedimentos. Por fim, veio uma multinacional certificadora, que aditou todos os nossos processos e nos certificou”, explica. Segundo o diretor da eBox, a empresa fez diversas modificações, tanto nas áreas técnicas como de pessoal. “Todas as políticas de gestão de risco, segurança da informação, plano de contingência

www.informationmanagement.com.br

e sistema contra hackers. Também implementamos políticas de segurança para os colaboradores como proibir a entrada de celulares e assinatura de termos de confidenciabilidade. Todos esses procedimentos e o engajamento dos colaboradores traz uma tranquilidade para empresa, porque sabemos que as informações não irão vazar”, afirma Marcelo.

Proteção “Ter o certificado ISO 27001 foi uma forma que a eBox Digital encontrou de demonstrar, mais uma vez, o quanto se preocupa em proteger as informações confidenciais das empresas contra acessos indevidos. Para nós é extremamente gratificante que nossa empresa seja reconhecida pelo sistema e gestão de segurança da informação, atendendo as melhores práticas da norma”, completa o diretor. Segundo ele, as grandes empresas, as multinacionais sempre enviam questionários para saber da capacidade de armazenamento e segurança de documentos. “Com a certificação, esses questionários desaparecem. Ela é a garantia de que existe segurança nos procedimentos”, destaca. Marcelo conta que a eBox buscou certificação em quatro processos. “Nós estamos certificados na guarda de documentos físicos, no processo de digitalização de documentos, em análise de documentos e na parte sistêmica, que é a parte de utilização da plataforma pelo cliente. Tudo faz com que a empresa já esteja adequada à LGPD e possa buscar a mais nova certificação no

mercado que é a ISO 27700. Só quem tiver a 27001 irá conseguir essa nova certificação”, alerta. De acordo com o executivo, foi preciso um investimento em torno de R$ 350.000,00 para conseguir adequar toda a empresa e conquistar a ISO 27001. “Mas valeu a pena. A partir da certificação o número de clientes cresceu em 30%. Isso é um número significativo, pois o momento é de retração em todo o mercado. Um crescimento desses é bastante importante”, conclui Marcelo Araújo.

eBox Digital A eBox Digital é uma empresa que realiza a guarda e gestão de documentos digitais e físicos com alta tecnologia para pequenas, médias e grandes empresas. A norma ISO 27001 é o padrão e a referência Internacional para a gestão da Segurança da informação, assim como a ISO 9001 é a referência Internacional para a certificação de gestão em Qualidade. A norma ISO 27001 tem vindo, de forma continuada, a ser melhorada ao longo dos anos e deriva de um conjunto anterior de normas, nomeadamente a ISO 27001 e a BS7799 (British Standards). A sua origem remota na realidade a um documento publicado em 1992 por um departamento do governo Britânico que estabelecia um código de práticas relativas à gestão da Segurança da Informação. Mais informações: www.eboxdigital.com.br

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

21


RPA - Acelerando a transformação digital para contornar a crise Por Carlos Barreto

Process Improvement, Business Transformation, Robotic Process Automation (RPA) & Project Management tas para as empresas de todos os setores, é hora de criar estratégias sobre como manter seus negócios funcionando sem ruptura, oferecendo o melhor serviço possível ao cliente. A automação dos principais processos aparece como uma das maneiras mais evidentes de proporcionar estabilidade aos seus negócios nos próximos meses.

O início de 2020 tem sido, certamente, muito mais difícil do que se esperava. As implicações da pandemia do COVID-19 no ambiente empresarial estão apenas começando a serem sentidas em toda sua amplitude. E quando as circunstâncias futuras são incer-

22

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

As empresas precisam acompanhar as expectativas dos clientes, mesmo quando não tiverem certeza de como será a economia la na frente. E essas expectativas sobre os serviços digitais tendem a aumentar face a indisponibilidade de serviços presenciais. Embora a falta temporária de pessoal seja uma realidade, ainda será vital que os negócios continuem como de costume, com o mínimo de interrupções possíveis.

Existe uma piada circulando nas redes sociais dizendo que o principal agente de transformação digital em 2020 não será seu time de TI, nem os grupos de Agile da sua organização, mas sim o Coronavírus. Pois é! Há uma grande dose de verdade e ironia nessa brincadeira. Mas a mensagem final é clara e certeira: Empresas que não se adaptarem rapidamente a essa realidade “forçada” dificilmente sobreviverão a crise. O surgimento do Home-Office como grande ferramenta para manter o ambiente corporativo funcionando traz alguns desafios importantes. Seus funcionários podem não estar disponíveis para execução de processos que, até bem pouco tempo, eram executados manualmente. Seja para cuidar de sua própria saúde, de algum familiar ou mesmo por empecilho tecnológico, são

www.informationmanagement.com.br


artigo muito diversas e significativas as chances de interrupção dos principais processos de sua empresa. E o momento perfeito para uma transformação digital robusta, focada na otimização e padronização de processos aliada a introdução de carga significativa de automação para que se possa diminuir o risco de interrupção de serviços. Nesse tipo de ambiente, seus funcionários passariam do papel de executores de tarefas para gerenciadores, monitorando e agindo apenas nas exceções dos processos, analisando outliers e resultados não pré-programados. Os “bots” puxam a carroça e aos funcionários cabe monitorar, estabelecer os parâmetros da automação e até mesmo “ensinar” os bots como proceder em cada situação. Soluções de automação como automação de processo robótico (RPA) e automação de carga de trabalho (WLA) fornecem valor real imediatamente, cuidando de suas operações táticas. Ter um time de trabalhadores digitais que possam ser utilizados rapidamente pode trazer resiliência e novas oportunidades para seus negócios. Mesmo em face a um congelamento de contratações, poderá colocar as pessoas que você precisa para trabalhar em capacidades de agregação de valor, enquanto os trabalhadores digitais (bots) e o software de agendamento de tarefas cuidam de tarefas repetitivas do dia a dia, como entrada de dados, geração de relatórios, automação de movimentação de arquivos, integração de aplicativos e muitos outros. Os cases de RPA são muito variados e a possibilidade de acessar uma solução semipronta numa biblioteca e customizá-la para suas necessidades tornam essa solução ainda mais atrativa. Mas todo cuidado e pouco. A automação de processos (RPA) tem sido vendida mundo afora como uma grande panaceia que irá resolver todos os problemas. E isso está longe de ser verdade. Costumo dizer a meus clientes que vejo RPA como um

www.informationmanagement.com.br

grande acelerador. E esse pedal pode nos levar a qualquer lugar muito rapidamente. O problema e que, se estivermos apontados na direção errada, chegaremos lá muito depressa!!! Por isso, existem passos importantíssimos a serem tomados antes da implementação de RPA: a) A análise da eficiência do processo. (Benchmark, Análise de performance); b) Alinhamento deste com os objetivos estratégicos. (estilo Hoshin-Kanri); c) Checagem de maturidade do processo para automação (ROI, pontos de decisão mapeados, repetibilidade etc.). Sem esse tipo de trabalho anterior, numa combinação dos 3 pontos citados acima, qualquer implementação de RPA está fadada ao fracasso no curto prazo. A mera criação de “bots” pode ser desastrosa se o número de defeitos ou falhas do processo for significativo. A automação RPA tende a exacerbar as características boas e ruins de cada processo. Esse trabalho conjunto de “process discovery” envolve uma análise rigorosa e deve ser conduzido sempre a priori por profissionais qualificados e experientes na área. A implementação da automação oferece um outro conjunto de desafios não menos importantes. Escolha um parceiro de automação que seja resiliente, experiente e que utilize uma das principais plataformas de automação disponíveis no mercado. Cabe a esse parceiro fornecer suporte na plataforma escolhida e agir como ponte para as constantes evoluções na indústria de RPA, protegendo assim seu investimento inicial e diminuindo a obsolescência da solução projetada. A estratégia de automação também e fundamental: você pode escolher uma solução

que seja automatizada por meio de APIs, aumentando assim a estabilidade do sistema ou uma automação baseada no GUI (interface gráfica) que é ótima para determinadas tarefas e para agilizar a automação, mas depende de uma interface que não mude constantemente para impedir a quebra do bot. Você precisa garantir que os processos que você implementou continuem funcionando. Caberá a você definir a estratégia com seus parceiros de automação, considerando o que for mais importante para sua empresa. Essas são apenas algumas das considerações mais evidentes do processo de Automação Digital que qualquer empresa. Com um parceiro em automação, você pode implementar as estratégias necessárias em seus negócios para enfrentar as crises atuais. Por fim, gostaria de deixar uma mensagem positiva nesses tempos de incerteza e adversidade: procure encarar essa Transformação Digital pelo que ela realmente é. Um desafio e uma grande oportunidade. Desafio, pois, acreditamos que quem não embarcar nessa onda não terá sobrevida muito longa. A oportunidade nasce do entendimento do processo como um todo e seu potencial multiplicador. Procuramos ajudar as empresas a melhorar as operações, mudar a estratégia para enfrentar os problemas do dia e implementar novas tecnologias para levar seus negócios adiante. Nossa abordagem de investir um tempo inicial na qualidade do processo e sugerir mudanças para aumentar sua maturidade tem ajudado nossos clientes a colher bons frutos na Automação e também a entenderem melhor as oportunidades intrínsecas dos seus processos. Ao escolher as soluções de automação do conjunto, fornecemos especialistas que oferecem suporte em todas as etapas da transformação, do planeamento, passando por implementação, treinamento e suporte.

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

23


to Go e i St

Conheça a Tempo Soluções A Tempo é um parceiro propositivo. Nós provemos e implantamos soluções estratégicas para gestão de todo o ciclo de vida da informação e dos documentos da sua empresa. Mapeamos, implementamos e executamos soluções adequadas às suas necessidades, ao seu tamanho e ao seu budget.

Digitalização Soluções personalizadas para implantação de ambientes Paperless, incluindo digitalização de documentos legados e processos digitais (BPMN).

RPA Automação robótica Descubra a Tempo Soluções

+55 21 3993.5224 +55 21 96010.5628

Automação de processos repetitivos de forma rápida, segura e escalável, adaptável a qualquer porte e necessidade de sua empresa.

descubra@temposolucoes.com.br www.temposolucoes.com.br

LGPD/GDPR Privacidade

Rio de Janeiro - RJ Duque de Caxias - RJ

Projetos de Proteção de Dados Pessoais com aderência às legislações nacionais e internacionais, desde o mapeamento à implementação.


artigo artigo

Brasil, um novo mercado em crescimento para a ECM Por Alan Pelz-Sharpe

Alan Pelz-Sharpe é fundador da Deep Analysis e coautor do best-seller da Amazon “Inteligência artificial prática - um manual corporativo”.

pessoas, pelo país, pela música e pela comida. Mas de maior relevância é que toda vez que eu visito aprendo mais sobre ECM e Gerenciamento de Informações em geral.

Eu visitei o Brasil pela primeira vez em 1999 para palestrar em uma conferência, desde então, voltei muitas vezes para o trabalho. Sim, sou apaixonado pelas

www.informationmanagement.com.br

Com razão, pois é um dos maiores mercados do mundo, embora mal explorado. Portanto, no ano passado, dedicamos tempo, recursos e fizemos parceria com o ImageWare, com sede em São Paulo, para pesquisar com mais detalhes como o mercado brasileiro de ECM opera, sua dinâmica e, é claro, seus desafios e oportunidades.

Às vezes eu sou o professor, compartilhando ideias e melhores práticas da Europa e dos EUA, mas com mais frequência sou o aluno. Pois, na minha experiência, não há país que tenha uma comunidade de MCP mais qua- O Brasil é responsável por quase lificada, dedicada e com mais 50% da economia sul-americaconhecimento do que o Brasil. na, com um PIB de US $ 3,2T, o

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

25


to Go e Sit


artigo financiamento de capital de risco e suas startups associadas estão crescendo e o mercado de ECM está crescendo mais rápido lá do que os EUA.

próximos anos. O Brasil não está atrás dos EUA, é simplesmente diferente e, de fato, é um mercado mais avançado em muitos aspectos.

tos fornecedores de tecnologia, isso é suficiente. O mercado nos EUA não está crescendo particularmente rápido, se é que está. E se eu puder ser tão ousado, o Brasil deve parar de olhar para os EUA como líder, como fonte de inspiração em Gerenciamento de Informações. Há mais do que suficiente inspiração e inovação no próprio Brasil. Claro que tem seus desafios, mas tem um futuro emocionante pela frente, e é um que observarei de perto.

Nos próximos anos, veremos uma mudança para a nuvem com forte impacto no crescimento, juntamente com um impulso crescente de novas empresas iniciantes que entram no setor e desafiam os fornecedores legados. Finalmente, assim como em outros países, tecnologias emergentes como Blockchain, IoT, AI e aprendizado de máquina terão Nosso relatório recente está disponível gratuitamente aqui: Para entender melhor o mercado um impacto. https://www.deep-analysis.net/ de ECM no Brasil, era importante primeiro compreender a dinâmi- Acredito que o Blockchain em report/brazils-ecm-market/ ca de negócios subjacente que particular fará um progresso o afeta. Primeiro, existe uma mais rápido no Brasil do que na Observe que ele foi escrito da perspectiva dos EUA, então eu grande base legada no local de América do Norte. realmente aprecio todo e qualclientes DM / ECM. Segundo: O Brasil possui um setor fortemen- A história maior aqui é que o quer feedback sobre seu contete regulamentado, e a adesão às mundo da ECM é grande, mas údo. regulamentações levou o merca- não é mais centrado nos EUA ou na Europa. A mudança é algo Sinta-se livre para me dizer o que do de ECM até o momento. que observei há algum tem- acertamos, errado e o que estaMas um elemento em particular po, por exemplo, recentemente, mos perdendo. Espero que este me surpreendeu: quão avançado apresentei a uma equipe chinesa relatório e esta coluna mensal em comparação com os EUA é o em Tóquio e vi que eles estavam sejam o início de muitas converaplicativo móvel e o ambiente de promovendo muitas práticas e sas produtivas, pois todos tracomputação no país. Confie em tecnologias de TI originárias dos balhamos juntos para promover a causa e a importância do Gemim quando digo que há (por EUA e não as seguiam mais. renciamento de Informações no exemplo) aplicativos bancários comumente usados no Brasil Os EUA são um grande mercado Brasil. que não veremos nos EUA nos e continuarão sendo, e para muiEm suma, há uma ampla oportunidade e os fornecedores de ECM, grandes e pequenos, devem pelo menos explorar como se posicionar na região. Se o fizer, como em qualquer país, a expansão envolverá algum risco e a navegação de diversas e originais expectativas culturais e comerciais.

www.informationmanagement.com.br

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

27


to Go e Sit


artigo artigo

A Contribuição da Ciência da Informação para a LGPD Por Camila Denículi

Sócia-fundadora e responsável pela empresa Doc Expert será coletado, como será tratado, para qual finalidade serão usados e se haverá e como será feito compartilhamento com terceiros. O titular deverá ter fácil acesso para estes O texto da lei está aqui neste link: dados, possibilidade de corrigi-los e http://www.planalto.gov.br/cci- atualizá-los; vil_03/_Ato2015-2018/2018/Lei/ - Os dados deverão ser tratados de L13709compilado.htm acordo com sua classificação: Há Destaco alguns pontos: dados sensíveis (que falam sobre religião, etnia etc) e dados sobre - A coleta e tratamento de dados crianças e adolescentes que devepessoais deverá ser coerente com o rão ter tratamento especial e, no serviço a ser oferecido pela empre- caso deste último, somente poderá sa, que passa a ser a controladora ser coletado e tratado com consendestes dados, tendo a responsabili- timento dos pais; dade de garantir a segurança, privacidade, integridade e atualidade - Os dados pessoais deverão ser deles. apagados após finalização da prestação do serviço (operação), obser- O Titular dos dados (ou seja, as vando os casos onde há requisitos pessoas sobre as quais os dados di- legais para manutenção destes por zem respeito, como eu e você) deve certa temporalidade; expressar consentimento explícito e inequívoco para coleta e tratamen- - Esta lei será fiscalizada por uma to de seus dados, entendendo o que agência nacional reguladora, como manterem suas relações comerciais com outros países do mundo, especialmente da Europa. Resumindo: É PRECISO FAZER ACONTECER.

Trabalho com gestão de informação há mais de 15 anos. Tenho muitos artigos e materiais publicados que falam sobre a importância deste ativo dentro das empresas e como que há perdas e ganhos de desempenho e resultados associados aos processos ineficientes ou eficientes de gestão destes pelas empresas. Investir em uma gestão de informação eficiente é fundamental! A LGPD, Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, é uma lei muito necessária para todo cidadão brasileiro e também para empresas

www.informationmanagement.com.br

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

29


to Go e i St


artigo a ANATEL, ANEEL, etc. O nome dela Ciência da Informação, com suas será ANPD (Autoridade Nacional de metodologias de tratamento e gestão da informação que são FUNDAProteção de Dados); MENTAIS para qualquer empresa - Em caso de vazamento de dados, atender a LGPD: a empresa deverá notificar os titulares e a ANPD sobre o incidente e Mapeamento dos recursos de inforcomprovar que possui medidas de mação da empresa: quais são, onde estão, quais deles tratam dados prevenção e contenção; pessoais; - As empresas deverão ter em seu time um encarregado, uma PESSOA Mapeamento dos processos de uso responsável pela privacidade de destes recursos: Como são adquiridados pessoais, o ENCARREGADO dos, como tramitam, onde são arou DPO (Data Protection Officer). O mazenados; nome dessa pessoa deverá ser reClassificação dos recursos de inforgistrado junto a ANPD. mação (Sigiloso, público, corporatiParecem requisitos óbvios e simples. vo etc.); Há algumas outras leis e práticas que já abordam esta questão da Definição de políticas de acesso privacidade, inclusive o marco civil a estes recursos de informação da Internet no Brasil, mas, a questão (Quem pode acessar); agora é que, nos casos de descumprimento e incidentes, a empresa Monitoramento dos processos de está sujeita a uma multa de 2% acesso e uso dos recursos de inforde seu faturamento, com limite de mação (Governança); R$50.000.000,00 por ocorrência. Além deste prejuízo material existe Definição de meta-dados de cadasaquele intangível de perda de con- tro e indexação de dados pessoais fiança e má reputação, que pode adequados à operação necessária causar um dano ainda maior para a (Minimização); empresa, muitas vezes, irreversível. Coleta, arquivamento, tramitação e Estes requisitos óbvios e simples só temporalidade de termos de consão possíveis de serem atendidos sentimento;

Demais técnicas e metodologias de organização, ordenação, triagem, curadoria, agrupamento, disseminação e acesso da informação estudadas e implementadas desde sempre pela Ciência da Informação. A Ciência da Informação possui conhecimento chave para que a empresa estruture seus processos de gestão da informação, conheça seu acervo informacional e possa, junto com as demais áreas necessárias (Jurídica, TI, operação etc.), estruturar um plano de atendimento a LGPD e seus requisitos de privacidade de dados. Não existe uma regra sobre a formação mais adequada para um DPO (Data Protector Officer), o encarregado pela privacidade de dados dentro das empresas. Entende-se que esse profissional tenha o perfil integrador e seja capaz de extrair de cada área do conhecimento as ações necessárias em prol da privacidade de dados. Deve ser ainda um profissional com ampla visão sobre os recursos de informação e seus fluxos, com excelente relacionamento interpessoal, para se reportar a alta direção e a ANPD.

O Profissional da informação está se houver ANTES DE TUDO uma Temporalidade de guarda de dados qualificado e apto para contribuir gestão de informação estruturada pessoais e; significativamente nesta função. dentro da empresa. Aí que entra a

www.informationmanagement.com.br

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

31


artigo

artigo

Impacto da COVID-19 no mercado de tecnologia Por Carlos Bassi

Diretor da INFORMSYS Consultoria

Quando o isolamento social causado pelo COVID-19 tiver passado, teremos uma mensuração dos impactos desta pandemia nos negócios.

32

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

Nesta agenda com certeza es- • Como permitir maior produtividade na colaboração tarão ações para minimizar os e troca de informações enriscos e impactos de situações tre os colaboradores? semelhantes que possam surgir no futuro. • Como racionalizar e automatizar atividades para Um direcionamento assertivo serem mais independentes poderá ser obtido avaliando: da ação humana? • Como melhorar os canais de atendimento e comer- • Como gerenciar as atividades das equipes de forma remota? cialização de produtos e serviços Dentre as soluções mais rele• Como compartilhar de forma vantes estão a melhoria da inmais eficiente as informações fraestrutura e das plataformas tecnológicas.

www.informationmanagement.com.br


artigo

A jornada para uma transformação digital deve ser direcionada a entender, antecipar e redefinir a experiência do seu cliente utilizando inovação e agilidade do negócio com foco na excelência operacional e na automatização da governança e compliance.

Em pesquisa sobre o mercado de Gestão de Processos ( BPM Trends – The State of the BPM Market – 2020 ), podemos observar dados relevantes:

• 70% das organizações estão fazendo seus processos melhores para reduzir custos e melhorar a produtividade; Mesmo antes da pandemia do COVID-19 já havia muitas pesquisas indicando um cres- • 75% acreditam que processos e tecnologia têm cimento significativo na transajudado suas organizações formação digital de informaa atingir os objetivos estrações e processos. tégicos; Aa pesquisa da situação do mercado de Serviços da In- • Em 73% das organizações, o interesse em BPM cresformação ( AIIM - State of the ceu de forma rápida nos Industry – Content Services – últimos dois anos; 2019 ), indica que 79% das organizações entendem que devem se transformar digital- • 71% consideram que a transformação digital terá mente para sobreviver. maior impacto nos processos de negócio. No modelo de maturidade digital da Deloitte da estratégia de transformação digital, O quadrante mágico do Garto componente de tecnologia ner aponta que o mercado de tem a mesma relevância do RPA – Robotic Process Autocomponente da estratégia de mation tem crescido algo em torno de 63% nos últimos negócio. anos ( Gartner - Magic Qua-

www.informationmanagement.com.br

drant for Robotic Process Automation Software – 2019 ). A infraestrutura de comunicação no Brasil também não estava preparada para suportar o volume de tráfego gerado pela quarentena da população. Logo no início, as operadoras de telefonia registraram um aumento médio de 40% no tráfego de internet banda larga fica em suas redes gerando lentidão ou até mesmo interrupção do sinal em determinadas regiões. As organizações não estavam e não tiveram tempo suficiente para se preparar de uma forma sustentável no enfrentamento dos desafios que uma transformação digital acarreta. Cabe agora aos gestores, reavaliar sua infraestrutura de comunicação e processamento, repensar em seus processos de negócio, avaliar quais das inúmeras tecnologias disponíveis serão mais adequadas a estes processos revisados e, iniciar sua jornada à transformação digital o mais breve possível.

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

33


to Go e Sit

Gestão de parâmetros de negócio

Centralização de gestão

Relatórios de desempenho e retorno do investimento

Integração com qualquer RPA do mercado

Governança das credenciais de acesso

Reduz o tempo de programação

Suas áreas de negócio precisam ter visibilidade dos processos automatizados, controle sobre as operações em andamento, relatórios e gráficos para justificar o investimento em automação dos seus processos e segurança na governança de credenciais e acessos aos sistemas críticos da sua empresa. Para isso a Automate Brasil criou o Smart Robotics System, um portal de governança com tudo que você mais precisa, independente da solução de automação que você esta usando. Agende uma apresentação: comercial@automate.com.br

AutoMate Brasil /automatebrasil Automate Brasil

Av. Paulista, 2006 - Cj 903 - Bela Vista - CEP: 01310-926 São Paulo - Brasil +55 11 2653-2649


artigo

A tecnologia de Vídeo Analítico aumenta a eficiência e reduz custos Por José Antonio Galves Jr

Especialista em Inovação, Consultor Paper Less, Digital e TI na Digital Force Tecnologia da Informação - Startup e membro do Comitê Executivo Gestor na ABEINFO

panhar a movimentação do cliente entre as seções, e quanto tempo ele ficou na frente de cada produto além de identificar o tempo que o cliente ficou olhando o produto na vitrine. Em um determinado momento os dados gerados pelas câmeras foram fundamentais para auxiliar na identificação do problema de lojas que possuíam um ticket médio baixo, porém possuíam um fluxo enorme de consumidores. Nesta edição vamos falar um pouco sobre a tecnologia de Vídeo Analítico, na qual é conhecida como Análise Inteligente de Vídeo, ou Video Analytics Technology em inglês, é uma tecnologia utilizada para analisar imagens em tempo real.

do este código na sua conta da Amazon. O mais interessante é que esta tecnologia consegue detectar quando um produto é retirado ou devolvido para a prateleira, bastando apenas escolher o seu produto e sair da loja tranquilamente. Após sair da loja você recebe um e-mail com o detalhe da sua compra. Atualmente tal tecnologia é utilizada por diversos segmentos como na saúde, transporte, segurança, ente outros.

Estes dados juntamente com os dados de abertura e fechamento da loja, mais os dados de RH de entrada e saída dos colaboradores, foi possível identificar que no horário de maior fluxo de consumidores havia poucos colaboradores para atender os consumidores, afetando assim o valor do ticket médio.

Geralmente o uso de novas tecnologias trazem ganhos de eficiência, ou redução de custos. Neste caso a tecnologia de vídeo analítico traz os dois. Citemos um exemplo na área de segurança. Para se manter um serviço de ronda de vigilância em um condomínio são necessáBasicamente a tecnologia transforma as rios guardas em turnos de 12 horas com imagens em dados que são analisados por algoritmos em tempo real, obtendo No final de 2016 a Amazon abriu uma descanso de 36 horas. Sob o aspecto de assim dados sobre pessoas, veículos, nova loja com o conceito Just Walk redução de custos, o valor desta posição objetos, espaços, seus descolamentos, Out, “apenas saia”. Basicamente a loja poderia custear dezenas de câmeras Amazon Go utiliza os mesmos tipos de utilizando a tecnologia de vídeo analítitrajetórias, volumes e variações. tecnologias encontradas em carros au- co, e como ganho de eficiência, o vídeo O varejo foi um dos primeiros segmen- tônomos, como visão por computador, analítico aplicado para a proteção de perímetro gera alertas 24/7, sem distratos a utilizar este tipo de tecnologia fusão de sensores e aprendizado. ções, faltas, greves e doenças. para medir o fluxo de passagem de clientes em lojas, posteriormente ele Ao chegar na loja, você entra após espassou a utilizar os dados para acom- cancear um código na catraca, atrelan-

www.informationmanagement.com.br

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

35


SUA EMPRESA ESTÁ PRECISANDO DE SCANNERS PARA DIGITALIZAR SEU ARQUIVO? QUALQUER QUE SEJA A SUA NECESSIDADE, TEMOS O SCANNER ADEQUADO PARA SEUS DOCUMENTOS

to Go e Sit

▪ SCANNERS DE DOCUMENTOS (A4 E A3) ▪ SCANNERS DE MAPAS E PLANTAS ▪ SCANNERS DE MICROFILMES (ON DEMAND E PRODUÇÃO)

▪ SCANNER DE LIVROS (BAIXO E ALTO VOLUME)

▪ SCANNER DE CHEQUES ▪ SCANNER DE SLIDES E NEGATIVOS ▪ SCANNERS PARA JORNAIS ▪ SCANNERS PORTÁTEIS ▪ MICROFILMADORA ELETRÔNICA

ALÉM DE SUPRIMENTOS PARA MICROFILMAGEM (FILMES

www.navisystem.com.br brasil@navisystem.com.br

Tel 011 3266 4530

Foto: Freepik

ORIGINAIS, DIAZO, QUÍMICOS, ETC..)


artigo artigo

O ECM tradicional perdendo sua relevância Por José Guilherme Junqueira D. de Souza cCDIA+, MIT, EDP, diretor da ABEINFO, Consultor e Sócio Fundador da Virtaus,

consultoria especializada em gestão da informação e transformação digital

Ainda segundo Joe Shepley, “a Microsoft está pronta para dificultar muito para os CIOs considerarem gastar dinheiro em qualquer solução que não seja a sua, pelos recursos fornecidos Podemos considerar, como um desses como parte dos ambientes do Office principais fatores, um histórico não 365 ou do Azure”. muito bem-sucedido das soluções tradicionais de ECM para agregar valor Existem outras forças em ação além às organizações. O nível de maturida- da Microsoft: a tendência para utilide e utilização de soluções de ECM, zação de aplicativos verticais da linha em nosso mercado, ainda dão sinais de negócios, em vez de plataformas de que essas soluções precisam ser corporativas horizontais; a tendência repensadas, bastando, para isso, que em direção a soluções baseadas em conversemos com algumas empresa nuvem; a crescente difusão do SaaS e para entender o real valor que elas es- os modelos de assinatura para entrega tão obtendo com suas plataformas de de software. ECM. Em recente ebook publicado pela AIIM De acordo com Joe Shepley, diretor ge- – Association for Intelligent Informaral da Ankura, a ascensão da Microsoft, tion Management, The Next Wave – de no que se refere ao gerenciamento de autoria de John Mancini, “...os últimos informações, tem roubado espaço no 12 meses também foram fundamentradicional mercado de gerenciamento tais para o gerenciamento de conteúde documentos, por meio de funciona- do. Empresas líderes em ECM, como lidades do Office 365, do Azure e pelas Xerox, HP, Kofax, Lexmark e Documenfacilidades de colaboração, prevenção tum, dividiram-se ou foram adquiridas. de perda de dados, gerenciamento de Em dezembro, o Gartner anunciou que identidade e acesso, gerenciamento de estava “aposentando” o termo “ECM” direito e compliance de maneira geral. e substituindo-o por algo chamado mações corporativas, não sendo uma solução completa para resolver todos os problemas de conteúdo de uma organização.

O ECM (Enterprise Content Management) tradicional, continua perdendo sua relevância e alguns fatores têm contribuído decisivamente para que isso aconteça. O conceito foi bem-vindo como uma maneira de descrever uma visão mais abrangente do mercado, à medida que progredia do “gerenciamento de documentos” nas décadas de 80 e 90 para algo mais amplo e inteligente. Porém, na verdade, o termo nunca ecoou de maneira abrangente nas organizações, como se esperava, porque não refletia o que realmente era necessário fazer com os ativos de infor-

www.informationmanagement.com.br

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

37


Jรก pensou em:

to Go e Sit

OSAS Podemos realizar! Visite nosso novo site e descubra como podemos fazer parte dos projetos de sua empresa.

11 3471.2500

contato@osas.com.br

www.osas.com.br


artigo “Serviços de Conteúdo”. Segundo o Gartner: “O ECM agora está morto. Foi substituído pelo termo Serviços de Conteúdo “. Ainda segundo John Mancini, “os recursos de gerenciamento de conteúdo serão vistos muito menos como uma “solução” monolítica e muito mais como um conjunto de recursos que serão consumidos de uma maneira muito mais modular - vinculada às necessidades de processos de negócios específicos. Os recursos de conteúdo estarão vinculados aos processos - personalizados e SaaS. Em última análise, este é o mundo que o Gartner agora chama de Serviços de Conteúdo”. Essa noção, de Serviços de Conteúdo, abrange um amplo espectro de tecnologias, como ferramentas de EFSS (Enterprise File Synchronization and Sharing), além de recursos principais de ECM, como captura, classificação, fluxo de trabalho e gerenciamento de documentos. Essa mudança tem sido desconfortável para muitos provedores de tecnologia ECM legados, que têm lutado para re-arquitetar suas soluções de décadas para a empresa moderna - e quando o fazem, o resultado é tipicamente uma experiência do usuário ainda mais complexa e complicada.

tar dados E conteúdo e não mais dados OU conteúdo. Com as estratégias cada vez mais voltadas para a gestão com foco no cliente, há uma necessidade imediata no gerenciamento de dados e no gerenciamento de conteúdo.

tal Business Automation, combinando recursos de processo e conteúdo em uma única plataforma e integrando fortemente a captura, conteúdo, fluxo de trabalho, regras de negócios e automação de processos robóticos.

As organizações estão conectando conteúdo aos sistemas de negócios para aumentar a agilidade, adicionando automação e robótica para acelerar os processos de negócios, incorporando conteúdo em aplicativos de negócios digitais para aumentar o envolvimento do cliente e integrando análises e aprendizado de máquina para obter informações sobre o conteúdo, da mesma forma que faria com os dados.

A tendência geral é a implementação de soluções empresariais que sejam tão intuitivas quanto as soluções que usamos em nossas vidas pessoais. A transformação digital mudou completamente o que as empresas, clientes e funcionários esperam de seus sistemas de gerenciamento de informações.

Como o conteúdo comercial, como documentos, registros, e-mail, áudio e vídeo, tornou-se essencial em aplicativos e projetos maiores, faz sentido que o “ECM” como conceito independente esteja diminuindo. Tanto a Forrester quanto a Gartner transformaram sua visão do ECM em “serviços de conteúdo”. Vemos uma convergência de conteúdo e processo. Muitas organizações combinaram suas equipes de conteúdo, processo e colaboração anteriormente separadas, e muitos usuários viram a menção de “ECM” em seus títulos mudar para “Conteúdo, Processo e Colaboração”.

Para David Jones, da Nuxeo, “o conceito de Serviços de Conteúdo é uma progressão natural do modelo de ECM legado específico da função para um local em que a nuvem, a mobilidade, a inteligência artificial, os metadados e outras tecnologias modernas podem ser aproveitadas para continuar a capacitar as organizações a gerenciar de forma mais eficiente, suas informações críticas de negócios” O ECM não está morto - mas não é onde você precisa investir. As empresas estão reconhecendo que devem ir além da maneira de pensar da ECM da velha escola, que sugere uma abordagem “única para todos” para gerenciar informações.

A mudança para os Serviços de ConteSe a tendência nos mostra uma migraúdo faz sentido - e agora é a hora de ção rápida do que entendíamos como Não é por acaso que a IBM reorganizou adotá-lo como o caminho a seguir. ECM para IIM – Intelligent Information suas divisões ECM e Process em uma Management, passamos, agora a tra- nova marca comercial chamada Digi-

www.informationmanagement.com.br

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

39


SOLUÇÕES EM GESTÃO FÍSICA E ELETRÔNICA DE DOCUMENTOS É COM A GUARD WELL Empresa Especializada • • • • • •

Mais de 10 anos de Mercado Instalações com alto nível de segurança Rigorosos Padrões de Normas Técnicas Projetos com Atendimento Personalizado Certificação AVCB conforme Legislação CFTV e Vigilância 24 Horas

Gestão Documental Física • • • • • •

Armazenamento de Documentos Organização de seu Acervo Documental Informatização e controle de Ponta Sistema Leva e Traz Higienização e Limpeza Destruição e Descarte Regulamentado

• • • • • •

Gestão Eletrônica e BPO

Gestão Eletrônica de Documentos Digitalização Documental Transformação de Papéis em Arquivos Eletrônicos Equipe Treinada e Ágil Armazenamento dos Arquivos em Cloud Backup e Segurança

Guard Well Assessoria Documental Rua Bixira, 132 - Móoca São Paulo - SP Cep.: 03119-020 Contatos: 11 4479-9404 11 4479-9477 www.guardwell.com.br

to Go e Sit


artigo artigo

O adiamento da Lei Geral de Proteção de Dados Por Paulo Baldin

Privacy Officer do Banco Carrefour

seu uso comercial em 1995. A Internet foi o meio de comunicação que mais rapidamente se expandiu no mundo, mas também poucas pessoas possuem acesso a ela, enquanto o telefone aguardou 70 anos para conquistar 50 milhões de usuários à Internet aguardou apenas 5 anos.

O uso da internet iniciou em 1969 nos Estados Unidos no departamento de defesa norte-americano com o codinome “Arpanet” com a função de interligar os laboratórios de pesquisa. Após mais de uma década o uso dessa rede expandiu-se para o uso acadêmico ainda restrito aos Estados Unidos e aos poucos iniciou a expansão do uso para outros países na Europa e desde então, começou a ser utilizado o nome internet. Apenas em 1987 foi liberado o uso comercial nos Estados Unidos e após 5 anos surgiram as primeiras empresas provedoras de acesso à internet e no Brasil iniciou-se o

www.informationmanagement.com.br

Com estes pequenos contextos não conseguimos esgotar essa história em pequenos parágrafos e mesmo que essas histórias estejam documentadas ainda existem conflitos de interpretação dos fatos. Atualmente é indiscutível a capacidade da Internet em dinamizar o contexto social, criar bolhas e consensos entre minorias, influenciar eleições, superexposição voluntária de indivíduos, euforia artificial sustentada por uma “espiral da felicidade” conhecidas como “Like”, entre outras. Desta forma, como já ocorre na Europa e em vários países ao redor do mundo e inclusive com os nossos “Hermanos” na América do Sul a pretensão pela prote-

ção de dados pessoais auto-regulamentada é uma realidade. Visto que, o cenário atual do uso da Internet, diversos tipos de informações pessoais são compartilhados de forma automática com empresas e entre indivíduos comprometendo os direitos fundamentais de liberdade e de privacidade. A atual Constituição Brasileira, em seu artigo 5°, inciso X, destaca a proteção constitucional a vida privada, sendo esta considerada um espaço íntimo, no qual, de modo geral, não pode haver intromissões sem consentimento, sendo, a proteção do indivíduo o ideal máximo jurídico como um todo norteado pela Constituição, sendo então a privacidade um direito fundamental a ser salvaguardado. Contudo, o Brasil em 14 de agosto de 2018 passou a ter uma lei geral de proteção de dados pessoais (LGPD) que impõe uma série de novas obrigações a todas as empresas estabelecidas no Brasil e iniciou-se todos os pedregulhos para sua sanção. Começou com os vetos do

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

41


www.arquivar.com

to Go e Sit

Estamos de cara nova na internet. Muito mais intuitivo, prático e 100% adaptável para dispositivos móveis, o novo site da Arquivar apresenta um conteúdo mais direto, claro e rico em informações relevantes para que as empresas encontrem maneiras de executar uma gestão inteligente de documentos dentro das suas possibilidades.

gestão inteligente de documentos Unidades em todas as regiões do Brasil: RS: Caxias do Sul e Passo Fundo. SC: Chapecó e Florianópolis. PR: Cascavel, Curitiba e Londrina. SP: Campinas, São José dos Campos, São Carlos e São Paulo. MG: Belo Horizonte (M), Ipatinga, Montes Claros, Porteirinha e São Lourenço. RJ: Duque de Caxias, Macaé e Rio de Janeiro. ES: Vitória. BA: Salvador e Feira de Santana. SE: Aracaju. AL: Maceió. PE: Recife. PB: João Pessoa. RN: Natal e Mossoró. CE: Fortaleza. MA: São Luis. PI: Teresina. PA: Belém. AP: Macapá. AM: Manaus. MT: Cuiabá. MS: Campo Grande. Bolívia: Santa Cruz de la Sierra.


artigo ex-presidente Temer editando a Medida Provisória (869/18), que posteriormente foi convertida na lei 13.853/19 e promoveu algumas alterações no texto, inclusive aumentando o período de adequação para agosto de 2020 (inicialmente previsto para fevereiro de 2020). Esses vetos e postergações ocorreram pois não havia qualquer sinalização do Poder Executivo Federal quanto à estruturação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) e dificuldades relacionadas com eleições municipais que ocorreriam nesse mesmo ano. Com a aproximação da vigência da LGPD, iniciou-se após 18 meses da sua publicação novos movimentos para novamente ocorrer a postergação, pois de fato, ocorrerá um impacto significativo na maneira como as empresas gerenciam dados pessoais sob sua responsabilidade. As empresas em sua grande maioria armazenam dados pessoais de seus funcionários, clientes, prospects, fornecedores, parceiros e novos métodos de trabalho devem ser completamente ajustados, a fim de estarem de acordo com as restrições descritas nessa nova lei. Com o surgimento da pandemia mundial COVID-19, ocorreu a declaração de emergência em saúde pública pelo poder público a tomar diversas medidas de enfrentamento e contingenciamento, entre essas medidas iniciou-se os questionamentos acerca do início da vigência da LGPD e confesso que foi muito difícil acompanhar todas as tentativas de mudanças propostas no Senado. Tivemos, (i) PL 1179/20 (Antonio Anastasia), solicitando a prorrogação da vigência da

www.informationmanagement.com.br

para 16/6/2021, (ii) PL 1027/20 (Otto Alencar), solicitando a prorrogação para 16/2/2022, (iii) PL 1198/20 (Alvaro Dias), solicitando a prorroga sanções para 16/08/2021, (iv) Emenda 20 (Alvaro Dias), solicitando prorrogação para 01/01/2021, (v) Emenda 25 (Alessandro Vieira), solicitando manter a vigência em 16/08/2020, entre outras. Destaco o bom senso do nosso legislativo na condução e discussão deste tema pois se todo o mundo está analisando os prejuízos imensuráveis na economia, também temos a necessidade de um tratamento adequado dos dados pessoais. Muitos podem estar se questionando porque não poderia esperar por mais tempo essa necessidade de tratamento dos dados pessoais e a resposta vai muito além de apenas mais uma lei para as empresas se adequarem e sim sob uma perda ainda maior da competitividade internacional do Brasil perante outros players e a sua entrada na ODCE o que também é muito prejudicial em um cenário de provável recessão global. Por fim em meio de todas as prorrogativas por meio do projeto de lei nº 1.179/2020, aprovado pelo Senado Federal em 03.04.2020, a vigência da LGPD prevista para agosto de 2020, foi prorrogada para 1º de janeiro de 2021, sendo que as sanções administrativas somente seriam aplicáveis a partir de 1º de agosto de 2021, após votação na Câmara e sanção presidencial. Com a postergação garantiu um folego adicional às empresas de mais 4 meses

para que tenham condições de se preparar da forma mais adequada possível, para cumprir as exigências da LGPD otimizando os seus programas de governança em proteção de dados e privacidade, porém por outro lado, mesmo com as postergações as empresas poderão sofrer sanções, como indenizações em ações individuais e coletivas, multas em processos administrativos como os da SENACON, MPF, PROCON que já estão atuando. Independente da prorrogação das sanções, provavelmente as autoridades setoriais vão estar atentas e atuando com base em outras leis que endereçam os temas como código de defesa do consumidor, marco civil da internet e cada vez mais os indivíduos irão cobrar o uso seguro dos seus dados, bem como, as empresas começarão a realizar negócios com parceiros que estiverem no caminho das adequações, portanto, entendo que é um caminho sem volta e estar em “compliant” com a LGPD vai muito além de exercer os termos estabelecidos. Concluindo, vejo com bons olhos o posicionamento do Senado Federal quanto à prorrogação da LGPD, por um lado, as empresas ganham um tempo em termos de cronograma e prioridades, o que é completamente compreensível em face da crise mundial que se inicia, lembrando que o programa de governança em proteção de dados e privacidade é muito mais que atender a LGPD, sendo uma proteção da reputação da empresa, por outro lado, sem deixar que a proteção de dados e privacidade caiam em descrédito no cenário nacional e mundial.

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

43


SUA EMPRESA NECESSITA DIGITALIZAR ALTOS VOLUMES DE DOCUMENTOS E GERAR ARQUIVOS COLORIDOS E COMPACTOS COM OCR? Único scanner que funciona sem régua de vidro; Sistema de Transporte dos documentos através de correias precisas; Alimentador Automático para 500 folhas com sensor de papel; Possibilidade de upgrade entre as várias versões ( 90 a 170 ppm);

Freepik

Possibilidade de locação por curto ou longo prazo.

Conversão de imagens coloridas TIFF, JPEG para PDF-A; PDF´s com tamanho equivalente a imagem P&B; PDF´s sem perda de qualidade; Instalado no Servidor com criação de “hot folders”, para Conversão automática; Possibilidade para funcionar 24 horas/dias; Licenciamento por quantidade de imagens ou anual.

Contate-nos ainda hoje e peça uma demonstração do scanner e/ou do software. to Go e i St


artigo artigo

A COVID-19 demonstrou que construímos um mundo mais acessível Por Maria Luiza Reis

CEO da Lab245 Software e presidente da Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (ASSESPRO – RJ)

versas localidades com acesso a milhões de documentos e processos.

Quando voltei da França 1994, comecei a trabalhar numa representante da Optika Imaging System, com sistemas client server de document imaging e workflow. Esse foi o meu primeiro contato com a tecnologia de gerenciamento eletrônico de documentos e automação de processos. Em 1996, quando abri a Lab245 Software, havia um desafio tecnológico pela frente, desafio esse que nem as grandes empresas americanas conseguiam resolver: Criar uma solução que não exigiria demasiadamente da rede local e que pudesse atender milhares de usuários em di-

www.informationmanagement.com.br

A solução que encontramos na Lab245 foi uma plataforma web de GED e workflow, Folder245, algo extremamente leve, rápido de treinar grandes equipes e com capacidade para milhões de documentos e processos simultaneamente. E a nossa solução logo caiu no gosto das grandes empresas. Em 1998 já estávamos presentes nas grandes empresas do mercado financeiro, seguros, telefonia, óleo e gás. Era o que todos precisavam de verdade. Ao longo desses anos, desenvolvemos inúmeras outras funcionalidades como aplicativos mobile, alertas, BI, monitoramento inteligente e inteligência artificial, sempre com foco em facilitar o acesso à informação classificada (por pessoas ou máquinas) e processos em qualquer lugar. Até recentemente, na maioria das grandes corporações, o trabalho ainda tinha um fator tradicional e o home office para acessar suas atividades diárias estava acessível para gestores, mas não para a grande maioria dos colaboradores.

Algumas empresas olharam mais à frente e vislumbraram uma oportunidade de unir unidades separadas geograficamente usando intensivamente ferramentas de trabalho à distância em plataforma web e, com isso, viabilizaram seus negócios de fusão e aquisição. Mas, agora, veio o momento da verdade e aquelas empresas que investiram em ECM e BPM conseguiram, com muito sucesso, acessar seus documentos e processos de trabalho a partir da casa de todos os colaboradores. E essas empresas já estavam preparadas para esse desafio. O mundo da empresa estava disponível fora dela com toda a segurança e esse recurso foi desprezado por tanto tempo! Temos a certeza que essa doença vai passar com novos tratamentos e novas vacinas, nós vamos retomar à normalidade, mas o trabalho remoto passou na prova de fogo e isso devemos, em parte, às soluções de empresas que abriram as portas do mundo web no final dos anos 90, desenvolvendo tecnologia para tornar o mundo mais próximo.

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

45


Os sistemas de informação (SI) e a Governança de dados (GD) Por Claudia Chamas

Data e- Science for Nuclear Technology. - Data governance: LGPD e GDPR / DPO foundations specialist and Member ANPPD®

O progresso tecnológico evolui a uma velocidade quase imprevisível e as inovações são cada vez mais radicalmente baseadas na produção e no uso de dados, você pode pensar em muitos exemplos agora: sons, imagens, IA, Iot... os dados ao centro da atenção global. O aumento dos dados produzidos age nas organizações, ora no esforço da adoção de infraestruturas (cloud, por exemplo) ora no gerenciamento eficaz dos dados, afim da vantagem competitiva, com base nas análises de dados, que uma vez organizados e analisados, abrem novos precedentes para a inovação. Analistas de dados são cobiçados pelas empresas, passando para outras funções envolvidas no processo de tomada de decisão, como: Comissão de Governança de Dados; diretor de dados, proprietário dos

46

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

dados; administrador de Dados Corporativos; Administrador de dados técnicos, Data Protection Office (DPO), profissionais ligados a qualidade e segurança dos dados.

Como consequência, os problemas de governança de dados(GD) na tecnologia da informação, que antes eram tratados apenas superficialmente, agora devem ser resolvidos.

A empresas estão na corrida para gerenciar os dados. O gerenciamento impreciso e desorganizado só pode levar a desvantagens: os dados vulneráveis, levam a severas punições legais, dados imprecisos são tomadas de decisão arriscadas ou a má qualidade dos dados processados teriam repercussões catastróficas em toda a economia.

Dados e Informação são dois conceitos altamente interconectados, mas com pesos e significados diferentes. “Dados” representam a substância atômica do sistema de Informação (SI), um elemento neutro desprovido de qualquer significado intrínseco (De Nito, 2008), se não estiverem inseridos em um contexto específico, não poderão transmitir nenhuma mensagem ao leitor, que os verá apenas como um conjunto de letras, números, observação, símbolos, sem nenhum sentido. Portanto, podemos considerar os dados como a entrada bruta do SI, sobre a qual será feita uma elaboração para lhes dar um significado. Estritamente conectado aos conceitos anteriores, é o de “Conhecimento”.

Diante disso eu pergunto a vocês, qual é o ponto central do gerenciamento de dados? A capacidade de se beneficiar da posse de dados e transformá-los em uma base sólida sobre a qual construir seus negócios está inevitavelmente ligada à capacidade da organização de gerenciá-los e controlá-los: a governança dos dados (GD) Sobre a definição e estudos sobre Governança de Dados (GD) , vários autores se dedicaram ao tema, mas apesar desse aumento de atenção, um estudo realizado por (Holt, et al., 2015) trouxe à tona como menos da metade dos participantes da comunidade global de profissionais de banco de dados e dados tinham políticas de governança de dado(GD).

Debatido longamente na literatura, ele tem inúmeras definições, mas, neste momento, encarando-o como uma transformação da informação, ou seja, sem os dados corretamente gerenciados, não é possível obter conhecimento sobre o seu negócio. Sistemas de informação, ao longo da história, nomeadamente as ferramentas de negócios em que os dados residem, juntamente com a sua evolução e os principais componentes que os compõem:

www.informationmanagement.com.br


artigo

Esta figura representa as fontes de dados, e as partes interligadas e criam um modelo holístico no qual as empresas estão e que demandam, entre outras, duas partes principais da governança de dados: Desenvolver e promover aspectos de conscientização sobre Qualidade de dados, e entender as necessidades de segurança de dados e os requisitos regulatórios associados, políticas e padrões, tanto para segurança da informação, como para segurança de dados. As questões que envolvem qualidade e segurança dos dados fariam outros artigos, o que chamo a atenção aqui é como todos os profissionais ligados aos sistemas de informação, e as partes interligadas, devem hoje olhar que a parte principalmente do trabalho com os dados é a Governança de Dados (GD) A National Association of State Chief Information Officers ( NASCIO) sustenta

www.informationmanagement.com.br

que a governança de dados é essencial para garantir a precisão, compartilhamento e proteção dos dados. Os esclarecimentos das entidades e autores consideram a Governança de Dados (GD) um sistema de direitos decisórios e responsabilidades para processos relacionados com a informação, executados conforme modelos acordados, uma estrutura que orienta e estabelece estratégias, políticas e objetivos com a finalidade de gerenciar os dados, essencial para garantir a precisão, compartilhamento e proteção dos dados, a apresentação do quadro organizacional, regras, decisões certas e responsabilidades das pessoas e dos sistemas de informação com a preocupação com responsabilidades e decisões. Ainda a gerência da quantidade, consistência, usabilidade, e disponibilidade de dados”. Como uma ação multidisciplinar que tem como finalidade tratar os dados como insumos ativos e tangíveis nas organizações.

Segunda a DAMA International entidade que se dedica a avançar os conceitos e práticas de gerenciamento de informações e dados e a apoiar os membros da DAMA e suas organizações para atender às suas necessidades de gerenciamento de informações e dados e disponibiliza o guia DMBOK, apresenta a roda da governança de dados com, dez domínios identificados, mais um que é colocado no centro, o de Governança de Dados. A inserção da Governança de Dados em uma posição de destaque, para os autores, essa área de conhecimento desempenha um papel superior: é o domínio funcional sem o qual os outros não poderiam trabalhar. Portanto, se é verdade que todos os domínios estão interligados e que um determinado problema relacionado a dados provavelmente se enquadra em mais de uma área de conhecimento, para criar um modelo holístico, as funções de Governança de Dados são essenciais ⏹

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

47


to Go e i St


entrevista

“Transformação digital será uma realidade para impulsionar os negócios”, diz executivo da Pegasystems Para Maurício Prado, após a pandemia, muitas empresas irão repensar se vale a pena trabalhar todos os dias em um escritório Por Prado Junior A Pegasystems é uma empresa de software que potencializa a transformação digital nas principais empresas do mundo. Com escritórios no Brasil e no México, a companhia atua na América Latina há mais de um ano.

classificam a Pega como líder em aplicações e plataformas de CRM.

Com mais de 20 anos de experiência em cargos de liderança no setor de tecnologia, ele foi vice-presidente Fundada há mais de 35 anos e sedia- de Vendas da Oracle, presidente da da em Massachusetts (EUA), a Pega subsidiária brasileira da Salesforce e possui mais de 5.000 funcionários e gerente-geral da Divisão Dynamics 41 escritórios globais, tendo o Reino da Microsoft. Unido e a Austrália como suas bases regionais na Europa e Oceania.

Entre os clientes no Brasil, estão as maiores marcas de serviços financeiros, seguros, telecomunicações, assis- Maurício Prado Silva, chegou em tência médica, entre outras. As princi- fevereiro deste ano e assumiu o cargo pais empresas de analistas do setor de diretor-geral para América Latina.

www.informationmanagement.com.br

IM: Qual o primeiro desafio que você enfrentou ao chegar na empresa?

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

49


ACELERE A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL DO SEU NEGÓCIO COM A PLATAFORMA INTERFY

Uma única plataforma com tudo o que seu negócio precisa para entrar no mundo digital 5 produtos totalmente integrados para facilitar a gestão das empresas

ECM

BPM

CRM

ERP

BI

Gestão de Conteúdo Empresarial

Gestão de Processos de Negócios

Gestão de Relacionamentos com Cliente

Software de Gestão Empresarial

Inteligência de Negócios

to Go e Sit

Conceito One-Stop Shop, que permite que qualquer empresa contrate os produtos diretamente pelo site, de forma fácil e sem burocracia, e passe a usar a tecnologia de imediato, na modalidade (SaaS - Software as a Service), sem fidelização.

interfycorp.com

USA

BRASIL

1500 Parl Center Drive The Office - Metrowest Orlando - FL

Av. Dr. Chucri Zai Conjutos 311 a 314 - Berrini São Paulo - SP

+1 786 353-5568

+55 11 5929-8900


entrevista Maurício: Nesses dois meses iniciais o foco foi para revisitar a estratégia para América Latina. Compreender melhor a empresa, os executivos e colaboradores. Um momento também de interação com os principais clientes e parceiros.

Maurício: O foco dos nossos produtos é auxiliar os nossos clientes, ajudar nos seus processos de decisões, trazendo respostas rápidas e resoluções para as dificuldades. As soluções têm como foco três pilares: Engajamento, Atendimento ao cliente e Automação de decisões de inteIM: Nesses meses, como foi de- ligência. senvolvido esse trabalho? IM: Como é a atuação da Pega Mauricio: Como viajei para os Es- com RPA? tados Unidos para uma imersão na companhia, ainda estou no início do Maurício: Atua com RPA atendida processo, faz apenas um mês que (aquela que automatiza algumas tavoltei. Coincidiu com o isolamento refas mais simples e de alto volume, social causado pela pandemia do mas também promove o atendimencoronavírus. O primeiro desafio en- to humano em ações mais complefrentado pelos clientes é atender a xas); e a RPA Autônoma (automatiza demanda por estrutura para o home tarefas que raramente requerem inoffice. Acredito que seja uma difi- tervenção humana por meio dos bots culdade dos negócios de todos os ou algoritmos). Os processos utilizam portes. A próxima área de foco das a Inteligência Artificial. empresas vai ser acelerar a transformação digital, para atender os IM: Na área de Inteligência Articlientes com menos contato humano. ficial, o que a Pega vem desenAntes nem todos conseguiram articu- volvendo? lar a transformação digital em suas empresas. Só que agora essa trans- Maurício: A Pega vem desenvolformação é mais do que necessária e vendo o que há de mais inovador em vai ajudar muito a todos. A Pega pro- IA e é líder no segmento RTIM, Repicia essa transformação por meio de al-Time Interaction Management. Reuma plataforma única de low-code e centemente nosso “cérebro central”, que propicia uma grande agilidade o Customer Decision Hub (CDH), para entregar soluções em um tempo provou ser uma solução estratégica muito mais curto e assim, ajudar os na promoção de interações personanossos clientes a reagirem rapida- lizadas “real-time”, promovendo um mente, para atender seus clientes no faturamento incremental de US$ 677 milhões em 3 anos e 489% de ROI, momento que precisam. de acordo com o relatório da ForresIM: Quais os produtos que a ter que entrevistou quatro clientes da Pegasystems que utilizam a solução Pegasystems oferece?

www.informationmanagement.com.br

CDH há pelo menos cinco anos. Tudo isso somado a capacidade de gerar campanhas com uma abordagem que privilegia a empatia, tão essencial para os negócios neste novo cenário mundial. IM: A Pega oferece serviços em Cloud? Maurício: Sim. Nuvem híbrida. O cliente faz a escolha da melhor nuvem (seja pública ou privada) a que for mais adequada para o momento da sua empresa. IM: A Pega estava preparada para o problema do coronavírus? Maurício: A Pega possui um plano de continuidade de negócios que descreve as etapas necessárias para manter funções e serviços essenciais durante interrupções inesperadas de serviço ou eventos de emergência. A equipe de planejamento pandêmico da Pega continua trabalhando com outros grupos da empresa, para garantir que as decisões sejam tomadas com as informações mais atualizadas. No caso dos produtos, a Pega Plataform é intuitiva e consegue se adequar a um crescimento da demanda e ao utilizar o low-code, a Pega Plataform proporciona que qualquer pessoa possa criar programas de forma rápida, melhor e com menos recursos. Haverá um salto qualitativo, à medida que os silos de casos de utilização dessa tecnologia estiverem mais interconectados. Re-

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

51


Por que as empresas querem ECM, BPM e AI? ECM

é necessário para qualquer empresa, pois é o repositório seguro, organizado, para consulta de documentos com diversos níveis de acesso em uma corporação. Uma empresa pode ter 5 funcionários ou 5.000 colaboradores que, mesmo assim, irá precisar guardar documentos, recuperálos e mantê-los em sigilo pois alguns deles certamente são restritos ou confidenciais.

BPM

é necessário porque os processos corporativos tem que ser ágeis. Os novos profissionais precisam de mobilidade e serem capazes de trabalhar em qualquer local: em casa, no aeroporto, no cliente, com informações confiáveis, seguindo a metodologia da empresa e regras de segurança corporativa deixando tudo registrado em um sistema de auditoria.

Big Data e Artificial Intelligence

to Go e Sit

São necessários porque empresas precisam aproveitar os seus recursos humanos mais competentes, seus recursos financeiros indo muito além do que o um quadro de gráficos pode oferecer. A inteligência artificial oferece todo o apoio em tempos de decisões rápidas.

Conheça o que a LAB245 pode fazer por você! WWW.LAB245.COM COMERCIAL@LAB245.COM


entrevista centemente, em função de um case inspirado num dos maiores provedores de healthcare nos EUA, com mais de 200.000 funcionários e voluntários, a Pega desenvolveu o aplicativo COVID-19 Employee Safety and Business Continuity Tracker. A empresa de healthcare precisava de uma solução para gerenciar a saúde e a programação de sua equipe, muitos dos quais médicos e enfermeiros na linha de frente na luta contra o COVID-19. Utilizando a Pega Plataform para o desenvolvimento de aplicação low-code, a organização configurou e implementou uma solução para ajudar a entender quem está autorizado a trabalhar e determinar quando uma equipe infectada ou em risco poderá ser reinserida a rotina dos horários de trabalho.

num cenário como o atual. Mantivemos nossas operações com algumas adaptações. Por exemplo, estamos contratando 300 novos colaboradores globalmente e adaptamos o processo de seleção para videoconferência. E após uma análise cuidadosa, nossa principal conferência de 2020, o PegaWorld iNspire, de um evento ao vivo em Boston nos Estados Unidos passará a ser um evento virtual em 02/06/2020. A conferência virtual terá importantes speakers e insights para o futuro e o novo formato on-line, possibilitará fácil acesso a todos os interessados ao redor do planeta.

IM: Como a empresa reagiu?

Maurício: Sim. A transformação digital deve se tornar uma realidade para impulsionar os negócios nos diversos ambientes. A que se repensar quais recursos são necessários para ampliar o trabalho flexível. O COVID-19 poderia acelerar o uso da automação em muitas empresas não apenas para o setor de tecnologia, mas para todos os setores. Acredito que o cenário atual está forçando as empresas a considerar o quão crucial é a tecnologia para seus negócios. O que essa crise destacou é a necessidade de comunicação e colaboração contínuas, empáticas e oportunas com os clientes e funcionários. É Para conhecer mais sobre os produaqui que a automação tem um papel tos e serviços da Pegasystems acesse: crucial a desempenhar. A crise prova- https://www.pega.com/products velmente aumentará a pressão para

Maurício: Como a tecnologia Pega é fundamental para as operações comerciais de nossos clientes, implementamos medidas adicionais para ajudar a garantir que não haja interrupção nos serviços, e que assim também garantam a continuidade de seus negócios, incluindo arranjos rotacionais e de acompanhamento para nossas operações e equipe de suporte. Internamente, os funcionários da Pegasystems estão trabalhando remotamente. Essa é uma oportunidade de ajudar nossos clientes e a sociedade. Estamos preparados para construir essa mudança. Não por coincidência o lema da Pega é build for change. Ninguém poderia pensar

www.informationmanagement.com.br

IM: Você acredita que, a partir desta pandemia, uma nova realidade possa estar chegando ao setor de tecnologia?

digitalizar uma variedade de sistemas de atendimento ao cliente, eliminar processos manuais e baseados em papel e, ainda mais adiante, remover a necessidade de interação humana para questões automáticas. Desta forma os profissionais têm mais tempo para lidar com os problemas mais complexos das pessoas, e onde podem agregar maior valor. IM: As empresas em geral buscarão se aprimorar mais nessa área? Maurício: Os players de TI buscam olhar esse momento como uma oportunidade. Inicialmente entendendo qual o impacto gerado pela pandemia. Talvez leve mais de ano para as empresas voltarem a um modelo de negócio próximo ao que tinha antes do COVID19. Ou talvez nem voltem ao modelo anterior. Muitos estão realizando calls, reuniões por videoconferência várias vezes por semana. Quando passar esse período e quando a vida voltar ao seu ritmo, provavelmente, haverá o questionamento: será que é necessário trabalhar no escritório todos os dias? Os bancos também podem se beneficiar de um novo formato. Pessoas que nunca utilizaram serviços ou compras online agora já estão fazendo. Cada um está buscando se adaptar à nova realidade.

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

53


webnews Nova plataforma melhoria de 75% de armazenamento e infraestrutura de dados A Hitachi Vantara, subsidiária integral da Hitachi, Ltd. (TSE: 6501), lançou a Hitachi Virtual Storage Platform (VSP) E990, a nova plataforma de armazenamento da empresa para clientes corporativos de médio porte. Os aplicativos de negócios de alto desempenho e baixa latência de sobrecarga do E990 somados à desduplicação de dados

Solo Network acelera a transformação digital na Cobmais Nova plataforma de nuvem reduziu em 87% o número de reclamações relacionadas a falta de instabilidade do sistema. A Solo Network, empresa de tecnologia com foco em serviços e soluções de TI, impulsionou a transformação digital na Cobmais com a plataforma de nuvem

Embratel lança oferta DevOps para agilizar desenvolvimento de software nas empresas A Embratel anuncia o lançamento da oferta DevOps Embratel para auxiliar as empresas na integração de equipes e na otimização de processos para desenvolvimento e entregas ágeis de software. Ao contratar a solução, as companhias passam a contar com a consultoria da Embratel para colocar em prática a adoção de automatização na construção das aplicações.

Solução da IHM Stefanini gera aumento de 11% de produtividade em linhas de minério de ferro O Nebuluz é um sistema especialista customizado para atingir a excelência operacional, com a vantagem de entrega de valor de maneira rápida e sistemática

54

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


to Go e Sit


webnews FIESP lança protocolo de retomada das atividades após quarentena Em videoconferência realizada neste sábado (18/4) com empresários que fazem parte do Conselho Superior Diálogos pelo Brasil, a Fiesp lançou o Plano de Retomada da Atividade Econômica Após Quarentena, como contribuição para o Brasil planejar a reabertura gradual após o isolamento

O impacto do mundo maker na solução de problemas durante a pandemia do novo coronavírus Não é novidade que a pandemia do Covid-19 está causando muitos impactos na sociedade. Por incrível que pareça, entre esses abalos, alguns podem ser considerados positivos. Explico: o mundo maker, bem conhecido por todos pela ideia do “faça você mesmo”

Quais medidas a área fiscal deve adotar em tempos de pandemia? O mundo se encontra entregue à necessidade de se isolar diante o quadro extremamente contagioso de Covid-19. No Brasil, isso não poderia ser diferente. Acima de qualquer preocupação técnica, a valorização das pessoas deve ser um objetivo compartilhado por organizações de todos os tamanhos e segmentos.

O novo normal: Estudo do Grupo DAN mostra impactos do coronavírus no comportamento do consumidor e do marketing Estudo realizado na China com 155 executivos mostra como as pessoas e mercados estão se adaptando, indicando assim que caminhos outros países afetados podem seguir

56

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


A MAIOR EXPOSIÇÃO no BRASIL sobre a TECNOLOGIA RPA ROBOTIC PROCESS AUTOMATION & IA - INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

RPA + AI

20

DIAS 28 E 29 DE OUTUBRO - SÃO PAULO / SP

DIAS 28 e 29 DE OUTUBRO 2020 AMCHAM BUSINESS CENTER | RUA DA PAZ 1431, SÃO PAULO - SP EVENTOS PARALELOS WORKSHOP PLATAFORMAS

AI STARTUP SHOW

RPA

28 de outubro - AMCHAM Business Center - SP

O MAIS NOVO PONTO DE ENCONTRO DA COMUNIDADE DE PROFISSIONAIS QUE TRABALHAM COM RPA & AI;

• 04 AUDITÓRIOS SIMULTÂNEOS; • 40 EXPOSITORES; • PALESTRAS e WORKSHOPS GRATUITOS;

• ESPAÇO IDEAL PARA EXPOSIÇÃO DE TECNOLOGIAS & SOLUÇÕES DE RPA & INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL;

• 400 CONGRESSISTAS; • 1 MIL VISITANTES.

GARANTA AQUI SUA PARTICIPAÇÃO COMO EXPOSITOR Informações Tel: 11 – 3392-4111 contato@iima.com.br http://iima.com.br/ 57 INFORMATION MANAGEMENT | NOV 2019

Realização

Apoio

www.informationmanagement.com.br


webnews COVID – 19: FI Group garante segurança de dados e a correta recuperação de sistemas e processos no trabalho remoto Em decorrência da pandemia do Coronavírus, consultoria multinacional conta com total preparação para adoção de home office, seguindo normas e recomendações da ISO 9001 e ISO 27001

S3ND lança plataforma com IA da Stefanini para auxiliar hospitais e órgãos públicos no combate ao Covid-19 A ferramenta permite ao paciente definir o formato do atendimento, que pode ser finalizado pelo chatbot ou transferido para um profissional da área de saúde

Especialista fala sobre canais de autoatendimento eficientes para o consumidor que está em casa O tema autoatendimento é hoje leitura obrigatória para empresários de todos os setores e tamanhos - do pequeno, médio e grande negócio - pois impacta significativamente na segurança dos consumidores. Incentivar o autoatendimento é papel de cada empresa para evitar que pessoas transitem pelas ruas nesta época de pandemia.

Squad estendido: modelo de serviço da Provider IT, mantém operação de TI das empresas, durante crise do coronavírus O trabalho de desenvolvimento remoto de projetos de TI, com equipes dedicadas aos clientes, é um modelo de serviços que incorpora profissionais capacitados, processos, ferramentas de colaboração e metodologia.

58

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


to Go e Sit


webnews Como garantir a segurança de dados no trabalho remoto? O impacto mundial da pandemia do coronavírus demandou uma série de adaptações das empresas para garantir a saúde e a segurança de seus colaboradores, clientes e parceiros. Neste cenário de incertezas, o trabalho remoto tornou-se uma medida essencial para combater a rápida disseminação do vírus.

Consultoria europeia apoia Memed em práticas avançadas de privacidade de dados Desde 2017, a empresa vem desenvolvendo políticas que visam resguardar as informações que são trafegadas em sua plataforma de prescrição médica digital. A iniciativa que já está em curso tem por meta garantir que a empresa esteja 100% em conformidade com a LGPD, que entrará em vigor em 2021

Avanter auxilia área de TI da TPNQ Agency A TPNQ Agency é uma agência de publicidade referência na criação de valor e alta performance, com criatividade e estratégia de negócios. Localizada na região Sul da cidade de São Paulo, está no mercado há 17 anos e trabalha com comunicação e marketing para grandes marcas brasileiras e multinacionais.

Tecnologias Necessárias para um Home Office Produtivo A crise do coronavírus que acomete o país parou grande parte das empresas em um ato totalmente cívico para que, juntas, combatam a pandemia. Nesse período, companhias conscientes e preocupadas com colaboradores, clientes e sociedade, de todos os portes e setores, para não perderem produtividade tiveram que se adequar rapidamente

60

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


anúncio ANÚNCIO

to Go e Sit


webnews Professor da FGV aponta cuidados na hora de baixar app da Caixa para solicitar auxílio emergencial O diretor-executivo da Infobase e coordenador do MBA em Marketing e Inteligência de Negócios Digitais da Fundação Getulio Vargas, André Miceli, alerta que a população deve ter alguns cuidados na hora de baixar o aplicativo da Caixa Econômica Federal para receber o chamado “coronavoucher”.

App Compass é opção para moradores que estão em quarentena nos condomínios residenciais Desde que a Organização Mundial da Saúde (OMS) decretou o novo coronavírus (Sars-Cov-2) como uma pandemia global, o número de casos aumenta a cada dia em todo o mundo. No Brasil, o número de infectados e óbitos pelo Covid-19 vêm aumentando.

Big data analytics: salvando vidas A constante transformação digital impulsionada pela geração e análise dos dados está, a cada dia, revolucionando diversas áreas, incluindo o segmento de healthcare – cuidando e salvando vidas. De capacetes inteligentes a robôs cirurgiões, a junção big data e analytics está acelerando os diagnósticos na vertical da saúde e melhorando a precisão dos resultados.

Tecnologia em informação, com qualidade e baseada em evidências, é fundamental em tempos de Coronavírus A pandemia do Coronavírus é um dos maiores – senão o maior – acontecimentos na área de saúde em anos. Cientistas e profissionais de medicina de todo mundo realizam estudos, trocam informações e realizam testes para chegar, o mais rápido possível, a uma cura e/ou a uma vacina.

62

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


to Go e Sit


webnews Compliance e monitoramento são ferramentas essenciais para o Contact Center em tempo de pandemia Há alguns anos o mundo corporativo vem debatendo a importância do cuidado com dados pessoais, sensíveis e críticos de clientes e usuários dos mais diversos aplicativos, serviços de tecnologia, redes sociais e afins. Há cerca de dois anos, o governo federal anunciou que, em agosto de 2020, a LGPD iria passar a regulamentar as utilizações desses dados.

Stefanini Scala e Veeam anunciam parceria para apoiar automação de dados dos clientes A Stefanini Scala, venture do Grupo Stefanini especializada em soluções como inteligência artificial, analytics e integração, anunciou parceria com a Veeam® Software, líder em soluções de backup que oferecem o Cloud Data Management ™

Serviços de TI no Brasil apresentam déficits consecutivos na Balança Comercial Nos últimos anos Brasil vem apresentado déficits na Balança Comercial de Serviços de TI. É o que revela o boletim “Insight Report” - Panorama do Setor de Tecnologia da Informação e Comunicação 2020, um estudo sobre o comércio internacional de serviços de TI no Brasil.

A adversidade como porta de entrada para uma nova mentalidade fiscal A pandemia global de COVID-19 expôs a necessidade de empresas mudarem seu cotidiano operacional e se adaptarem às medidas tomadas por autoridades e governos responsáveis. O assunto tem sido trabalhado e discutido por todos, claro, a gravidade do vírus justifica essa comoção e exige uma sensibilidade por parte de líderes e gestores.

64

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


to Go e Sit


webnews Webinars gratuitos apresentam soluções no WhatsApp para software houses, escolas e logística Em tempos de isolamento social muitas empresas buscam a tecnologia para melhorar o atendimento, aumentar a eficiência dos processos, eliminar barreiras e unir pessoas. Discutir algumas possibilidades de uso do WhatsApp com a AnnA será o foco de uma série de três webinars gratuitos que serão realizados durante o mês de abril voltados para software houses, escolas e logística.

Keyrus anuncia aquisição da americana Impetus Consulting O Grupo Keyrus, líder em Data Analytics e Digital Experience, presente em mais de 20 países, acaba de anunciar a aquisição da Impetus Consulting Group, empresa líder em EPM – Enterprise Performance Management (Gestão de Performance Empresarial), sediada nos Estados Unidos.

5 dicas para cuidar da cultura orçamentária em tempos de crise A escalada da economia brasileira alcançada nos primeiros meses de 2020 foi interrompida, de maneira abrupta, pela chegada do coronavírus ao país. As previsões de crescimento do PIB já foram revistas diversas vezes e os mais pessimistas preveem até retração.

GFT Brasil contrata Suzan Barreto como diretora de Negócios Com mais de 23 anos de experiência no setor financeiro, a executiva irá trabalhar na área de inovação e projetos. A GFT, empresa global referência em tecnologias exponenciais para transformação digital e projetos ágeis, anuncia a contratação de Suzan Barreto como nova diretora de negócios.

66

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


to Go e Sit

Utilize IA para a Gestão Inteligente da Informação Inteligência Artificial - IA:

U t il i z e

A

el

ig

ap

ên ci

ivi

A rt

ut

a

d

li c a

A u m e nte sua Pr o

se

nt

e

m

aI

qu

Machine Learning Deep Learning RPA Text Analytics e PNL

l -I A p a r a

oT e

iz

c

O ti m

d e U t ili z a n d

ifi c i a

da

ar s

e

Tratamento de Imagem Classificação automática de documentos Extração inteligente de dados Indexação automática dos documentos Análise Semântica dos Documentos Processos de Formalização Automação de Processos de Cadastro de Clientes Processos de Matrículas

us

no

Pr

lo

oc

g ia

e ss

Birôs de Digitalização Intituições Educacionais Intituições Financeiras Intituições Governamentais www.3adigitall.com.br Av. Luiz Paulo Franco, 500 Sala 805 - Belo Horizonte/MG (31) 99192-1694 / (31) 99634-9320 / (31) 3657-7928

s d e p o nta

os


webnews cezar.taurion@kickgrupo.com.br

Professor e os desafios do mundo digital em tempos de pandemia A pandemia provocada pelo Covid-19 está forçando o planeta inteiro a abraçar o mundo digital abruptamente. Em relação ao professor, a pergunta é: quais são os desafios nessa nova tarefa? Poucos estavam prontos para uma plataforma 100% digital de trabalho e muitos foram agora obrigados a fazê-lo às pressas.

Como as tecnologias digitais podem auxiliar as instituições de ensino brasileiras durante a pandemia do coronavírus? A educação foi um dos segmentos mais impactados pela pandemia COVID-19, doença acarretada pelo Coronavírus, diante da necessidade de isolamento social

Automation Anywhere lança soluções de RPA para responder à pandemia de COVID-19 A Automation Anywhere , líder global em automação robótica de processos (RPA, na sigla em inglês), anuncia hoje soluções de automação inteligente para capacitar governos, organizações de saúde e empresas a implementar programas de trabalho remoto e continuidade de negócios no enfrentamento dos desafios causados pela COVID-19 .

Conectar estratégia de dados é foco da transformação digital em 2020, aponta pesquisa da iProspect 78% dos gestores de marketing acreditam que a integração do uso de dados é uma peça chave para o sucesso da transformação digital, enquanto 69% acreditam que não ter uma estratégia clara de mudança cultural é um fator subestimado

68

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


RR DOC

to Go e Sit

RH MANAGER Você sabe quais documentos estão faltando nos prontuário de RH? Sua empresa está preparada para uma fiscalização? Perdendo processos trabalhista por falta de documentos?

Solução Rápida e Eficiente Entrega de relatórios, Pendencias de documentos por funcionário, Base de dados online para pesquisa, proteção e muito mais.

Telefone: 11 5641-5260 Email:vendas@rrdoc.com.br


webnews cezar.taurion@kickgrupo.com.br

Em tempos de Covid-19, Pagamento Instantâneo e carteiras digitais beneficiarão mais de *55 milhões de desbancarizados no Brasil Muitas pessoas que ainda hoje olham para os bancos como lugares inacessíveis serão os maiores beneficiados do Pagamento Instantâneo (PIX), que entrará em vigor a partir de novembro de 2020.

Coronavírus: Empreendedores podem lucrar apostando em opção de franquia home based Modelo da Revenda Software oferece a possibilidade do franqueado comercializar, em sua própria casa, um software com a sua própria marca. Em um cenário onde não se aconselha sair de casa (apenas quando é realmente necessário), as franquias home based se revelam uma excelente oportunidade de negócios para quem deseja empreender com segurança.

Engenharia da USP cria núcleo para desenvolvimento de softwares O Brasil é o segundo mercado de aplicativos que mais cresce no mundo. Segundo levantamento do Adjust, empresa de análise e prevenção de fraudes do setor, nosso País está atrás apenas da Indonésia. .São atribuídas uma nota para cada mercado, relativo ao crescimento no setor. O Brasil aparece em segundo, pontuando 9,39, enquanto a Indonésia marcou 17,6 pontos.

Em meio à crise, Sky.One continua a investir em contratações e anuncia novas vagas A Sky.One, uma das 10 melhores empresas para se trabalhar segundo o ranking Top 25 Startups LinkedIn Brasil e detentora do selo Great Place To Work, anuncia a chegada de dois novos executivos ao time da companhia: Paolo Alan Byram, como Executivo de Contas, e Roberto Arruda, como Chief Revenue Officer (CRO).

70

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


to Go e Sit


webnews cezar.taurion@kickgrupo.com.br

Entendeu ou quer que eu desenhe? Pensar fora da caixa é o caminho do sucesso O melhor caminho para se ter um negócio de sucesso é pensar fora da caixa! Você, empreendedor que deseja começar um projeto inovador, já deve ter ouvido essa frase ou dizeres semelhantes como esse durante o seu caminho para a criação de um novo negócio.

Pesquisadores da USP criam protótipo de robô que poderá ajudar no combate à Covid-19 Equipe atua em uma startup na cidade de São Carlos e desenvolveu projeto para automatizar entrega de alimentos e remédios a pacientes. Em meio à pandemia causada pelo novo coronavírus, os profissionais da área da saúde estão sobrecarregados e os esforços que realizam são reconhecidos mundo afora.

Soluções na nuvem têm atraído atenção de empresas que precisam atuar remotamente por conta da pandemia A crise gerada pelo Covid-19 impulsionou, mundialmente, o aumento da necessidade de acesso remoto por conta do isolamento social. Empresas de todos os segmentos estão tentando encontrar, a curto prazo, uma solução de infraestrutura que suporte com eficiência o elevado volume de acessos do time de colaboradores trabalhando em home office.

Tecnologias aliadas à saúde financeira das empresas podem reduzir prejuízos nos negócios Desde que chegou ao país, o Covid-19 tem trazido uma série de problemas aos brasileiros. Suspensões de aulas, fechamento de bares e restaurantes e cancelamentos de eventos para evitar aglomerações são algumas das medidas tomadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) na intenção de conter o avanço da doença.

72

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


Ainda encontramos instituições preocupadas com seu conteúdo informacional, mas porque se estamos na era digital? Os metadados sempre foram meios de localização, mas hoje percebemos uma massa informacional gigantesca ,e sem fonte especificas, ou dados que possibilitem uma indexação correta, é notória a transformação digital em que passamos neste momento, mas ainda sim é preciso planejamento para facilitação do dia-adia organizacional e eficacia informacional. . Mesmo com milhares de conteúdos digitais, nem sempre a informação é tratada de forma precisa e concisa. Cuide do seu conteúdo informacional, toda informação agrega valor para as organizações, devendo ser a solução. Consulte-nos e veja como a CASSDOC pode ajudar. to Go e Sit


webnews cezar.taurion@kickgrupo.com.br

CMN autoriza que fintechs de recursos próprios produzam cartões de crédito O Conselho Monetário Nacional (CMN) autorizou três medidas elaboradas pelo Banco Central para tentar diminuir os efeitos do coronavírus na economia. Com isso, as fintechs, que atuam como Sociedades de Crédito Direto (SCD), poderão emitir cartões de crédito para pessoas físicas e jurídicas, com o intuito de democratizar o acesso a esse serviço.

WEG atualiza parque tecnológico com IBM para potencializar expansão internacional A IBM se tornou a nova empresa fornecedora de soluções de tecnologia, como data centers, servidores e multi-cloud, da WEG, multinacional brasileira especializada na fabricação e comercialização de motores elétricos, transformadores, geradores, automação industrial e tintas.

Hikvision anuncia Terminais de Reconhecimento Facial MinMoe para controle de acesso e de presença A Hikvision, líder mundial no fornecimento de soluções e produtos de segurança, anuncia série de Terminais de Reconhecimento Facial para controle de acesso e de presença, batizada de MinMoe. Os Terminais de Reconhecimento Facial MinMoe funcionam no escuro, contam com tecnologia antifraude (anti autenticação por foto e vídeos) e são ideais para o momento atual.

Certisign é a primeira Autoridade Certificadora a emitir Certificado Digital totalmente on-line A Certisign, a maior Autoridade Certificadora do Brasil, atenta ao seu papel social e por entregar um produto decretado essencial à população, é a primeira empresa do setor a oferecer a possibilidade de compra do Certificado Digital sem sair de casa.

74

INFORMATION MANAGEMENT | ABR 2020

www.informationmanagement.com.br


to Go e i St


SOLUÇÃO DE AUTOMAÇÃO DE PROCESSOS CADASTRAIS ACESSE E TESTE GRATUITAMENTE:

mostQI.com.br comercial@most.com.br

|

+55 (31) 2519-5353

to Go e Sit


opinião Tadeu Cruz

tadeuj.cruz@gmail.com

Covid-19 e proteção de dados pessoais: o antes, o agora e o depois

O antes A pandemia do novo Corona vírus trouxe várias lições que obrigatoriamente devem ser aprendidas por nós da área de tecnologia. Sem dúvida uma das maiores lições diz respeito à lei de proteção de dados pessoais, conhecida como LGPD. A lei deveria entrar em vigor em agosto de 2020, mas sua vigência foi prorrogada para janeiro de 2021 e os eventuais infratores só começarão a ser punidos em agosto de 2021. É bom lembrar que a LGPD prevê multas de até R$ 50 milhões ou 2% de seu faturamento bruto anual (o que for maior), para cada vazamento de dados. Mas, não creio que tal prorrogação possa fazer com que as empresas se conscientizem para a necessidade de implantar processos de aquisição e controle de dados pessoas, haja vista que, na época do adiamento, 84% das empresas continuavam despreparadas para cumprir a lei. O agora Vive-se hoje, como afirma Shoshana Zuboff, na sociedade do capitalismo de vigilância que, nas palavras da autora

www.informationmanagement.com.br

“se qualifica como uma nova lógica de acumulação, com uma nova política e relações sociais que substituem os contratos, o Estado de direito e a confiança social pela soberania do Big Brother”. O mundo, especialmente ao longo da última década, foi moldado para extrair dados dos usuários por meio da grande rede de computadores em escala massiva. Estes dados, reunidos e processados através do que se convencionou chamar de Big Data, que permite a obtenção de informações e o poder de influenciar condutas, em escalas até o presente momento ainda não inteiramente esclarecidas. Por exemplo, durante a pandemia vários governos, em várias instancias, usaram os celulares para monitorar seus cidadãos. Na China, ponto inicial da pandemia, são utilizados drones com tecnologia de reconhecimento facial, scanners infravermelhos, além de aplicativos para classificar as pessoas de acordo com o risco de contágio em conjunto com os dados pessoais existentes nas diversas bases de dados da WWW, sendo tais informações transmitidas às autoridades competentes. Isso nem mesmo George Orwell ousou prever! A Coreia do Sul, por sua vez, rastreia os celulares dos usuários para criar um

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

77


to Go e Sit


opinião Tadeu Cruz mapa que fica disponível publicamente para que todos cidadãos possam consultar por onde passaram as pessoas infectadas. Diversas outras medidas de monitoramento, em maior ou menor grau das acima narradas, já foram adotadas também no Irã, Israel, Taiwan, Áustria, Polônia, Bélgica, Alemanha e Itália. Na China e na Coreia do Sul foram adotadas práticas de vigilância mais pesadas. A maior aceitação de tais práticas por parte da população destes países em contrapartida com populações ocidentais se explica porque, ao contrário da cultura ocidental, a oriental seria mais voltada para o coletivo do que para o individual, sem que isso necessariamente indique se tratar de uma cultura com menor grau de egoísmo. No Brasil uma empresa nacional, que trabalha com geolocalização, e da qual provavelmente a maior parte dos leitores jamais ouviu falar, se ofereceu para auxiliar no monitoramento durante a pandemia e já está sendo utilizada pela prefeitura de Recife com tal intuito. A referida empresa declarou que atualmente 60 milhões de smartphones carregam algum app com seu algoritmo, que os permite dizer onde cada uma dessas pessoas está, com uma margem de erro de dois a três metros. Também no Brasil, o Governo do Estado de São Paulo adotou medidas de monitoramento de celulares para o controle dos índices de isolamento social.

www.informationmanagement.com.br

O depois O mundo jamais voltará a ser o mesmo de antes da pandemia. Como aliás aconteceu depois das outras pandemias pelas quais o planeta já passou. Tudo irá mudar, para pior ou para melhor, tudo será diferente. Os níveis de emprego, os salários, os níveis de educação formal, as interações presenciais e eletrônicas. Mas eu quero chamar a atenção para uma mudança que certamente irá impactar de forma negativa nossa individualidade, nossa privacidade. As perguntas são: - Toda esta quantidade de dados pessoais coletada durante a pandemia, com a desculpa da necessidade de monitorar o isolamento social e a propagação do vírus, será descartada quando tudo isto passar? - Se não forem descartados, os dados serão usados por quem e para que? - Quais controles existirão para que os proprietários dos dados possam efetivamente saber o que está sendo feito? - Como exercer um efetivo e rígido controle sobre dados pessoais?

Independentemente do País, todas estas perguntas, e algumas outras, só poderão ser respondidas com base nas Leis vigentes.

Na Europa o Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados (RGPD), que foi criado em 2018, é um regulamento do direito europeu sobre privacidade e proteção de dados pessoais, aplicável a todos os indivíduos na União Europeia e Espaço Económico Europeu. Nos Estados Unidos há diferentes mecanismos e níveis de proteção de dados pessoais, que variam de estado para estado, já que lá eles têm autonomia em relação ao governo federal para legislarem. No Brasil a bagunça continua! Dificilmente os 84% de empresas despreparadas para a entrada da vigência da Lei em janeiro de 2021 estarão prontas para cumprirem a LGPD. Mesmo porque as multas só serão aplicadas em agosto de 20121. O que me leva a supor que a efetiva entrada em vigor desta Lei não se dará antes de dois, três anos. Há, entretanto, uma obrigatoriedade por conta da OCDE para que tais leis sejam implantadas em todos os países que fazem parte do bloco. Esta, talvez, seja a nossa salvação para que a LGPD seja efetivamente implantada. Só no Brasil existem leis que pegam e outras não. Deus queira que por conta das obrigações internacionais do Brasil a LGPD seja uma lei que vá pegar!

2020 ABR | INFORMATION MANAGEMENT

79


to Go e Sit

Profile for Guia Information Management

Revista IIMA 92  

Revista IIMA 92