Page 1

Ano 9 | Nツー 97 | novembro 2014

UMA DECISテグ PARA CADA MOMENTO www.divinooleiro.com.br

Novembro 2014

1


Editorial Quem na vida nunca precisou tomar uma decisão definitiva? Irmãos, a paz de Jesus! Começamos o mês de novembro e a direção de Deus para nós neste mês é: DECISÃO. Nossa vida nos pede decisões diárias; a cada instante precisamos dar uma resposta, tomar uma iniciativa... Enfim, decidir para agir, decidir para viver.

Projeto Mais Feliz com Jesus Centro de Comunicação Divino Oleiro Ouça nossas rádios Rádio Cultura 1110 AM – Mais Feliz com Jesus

Fone: (48) 3224-6476 - Blog: www.radioculturafloripa.blogspot.com.br

Rádio Católica 1500 AM

Fone: (47) 3360-2344 – Blog: www.radiocatolica1500am.blogspot.com.br

Queremos neste mês, ajudá-lo a viver bem os seus dias, buscando para cada momento a vontade de Deus, o discernimento para bem agir, a coragem para enfrentar a vida. Lembramos que o mês de novembro é o mês da SANTIDADE. Que lindo chamado Deus nos fez: além de nos chamar à vida, Deus nos chamou à SANTIDADE. Podemos ser santos no cotidiano da vida, no nosso dia a dia, é simples. É exigente, mas é simples. Queridos, o ano está terminado, vamos logo, logo, iniciar um novo Ano Litúrgico, novo Ano Civil; desejo sinceramente que você e sua família, vivam este mês em que iniciamos o Advento com unidade e paz. Boa leitura, Deus nos abençoe Juliane Caroline de Souza Consagrada da Comunidade Divino Oleiro

Rádio Conceição 105.9 FM Fone: (47) 3348-9073/3045-3978

Vila do Divino Oleiro:

Av. Papemborg s/número, Areias de Baixo - Gov.Celso Ramos - SC (48) 3296-1511 ACESSE

www.facebook.com/cearcdo www.facebook.com/Comunidade.divinooleiro www.facebook.com/RadioCultura1110am www.facebook.com.br/radioamcatolica www.facebook.com/radioconceicao

Vocacional Divino Oleiro E-mail: simone_cdo@hotmail.com Comunidade Divino Oleiro E-mail: projeto@divinooleiro.com.br

Caro leitor, fale! Você pode nos escrever avaliando nossas edições e dando sugestões para o enriquecimento de nossa revista. Nosso endereço é: RUA BOCAIUVA, 88 | LARGO SÃO SEBASTIÃO - CENTRO FLORIANÓPOLIS - SC | CEP 88015-530 ju-cdo@hotmail.com

Expediente

sumário Confira os destaques desta edição

7 12

Em busca do discernimento Ano 9 | N°95 | setembro 2014

Aproxima-se o Advento... Como está o seu Coração?

Rádio Cultura

Rádio Cultura

Rádio Cultura

Fl o r i a n ó p o l i s - S C

Fl o r i a n ó p o l i s - S C

Fl o r i a n ó p o l i s - S C

Mais feliz com Jesus! Mais feliz com Jesus!

2

Novembro 2014

PRESIDENTE DE HONRA Angelino Rosa | PRESIDENTE Pe. Marcio Alexandre Vignoli | DIRETORA EXECUTIVA Juliane Souza | PROJETO GRÁFICO Koi Comunicação Integrada Ltda. | DIAGRAMAÇÃO Sanny Santos | REVISÃO Vivian Quintão | ASSOSSIAÇÃO FRATERNA DIVINO OLEIRO Rua Bocaiúva, 88, Largo São Sebastião, Centro, Florianópolis – SC | CEP 88085-170 | TIRAGEM 10.000 exemplares Distribuição gratuita aos sócios

Mais feliz com Jesus!

www.divinooleiro.com.br Rádio Cultura


perseverando na comunhão

“Buscai as coisas do alto” (Cl 3, 1)

os irmãos e irmãs, pax!

muita alegria apresentamos a vocês mais uma da nossa revista Divino Oleiro.

27 deste mês de setembro nossa Comunidade rá seus 15 anos de fundação e estamos bem Já estamos no mês de novembro e em nossas nossos em compartilhar celebrar com vocês nosso do Apóstolo Paulo ouvidose ressoa a solene exortação , vida e missão. “buscai as coisas do alto”. Acolhe essa exortação

quem “crê, dos santos, na remissão dos e um mês inteirona comunhão estamos louvando, pecados, na ressureição da carne e na vida eterna”, cendo e celebrando esses 15 anos de história quem faz de sua vida um grande “Amém” Àquele que stumo dizer que é “tão pouco, mas tão muito...”. é o Senhor Cristo, Rei do Universo. anos para a história é um curto período, mas Quero, apresentar vocês, queridos arautos, s, que vivemos tãopois, intensamente cadaainstante três mulheres demuito! fé que fizeram mesmos 15 anos, representa Temos tão de sua vida um “Amém” ao“mas Senhor. tiveram sua somos tão poucos, esse Estas pouco mulheres nós último mês de outubro. Mulheres que mos com ospáscoa irmãos neste compartilhar”, pois até aqui e amaram. Lembro a palavra que nos tem creram, dado o esperaram Senhor, maravilhosamente,

diz “toda mulher que teme ao senhor merece louvor” (Pr 31, 30).

simples e pobre, de espírito nobre que, com grande zelo, cuidou da Casa do Senhor em nossa cidade. A conheci ainda pequenino, quando fui coroinha... Ela foi minha primeira “mestra de liturgia” na sacristia da Igreja Matriz. Mulher dedicada, pontual, firme, discreta... Não esquecerei seus ensinamentos nem os “muitos toques” de nossos 03 humildes sinos da Matriz que, por suas mãos, tornavam-se jubilosos e sonoros carrilhões a nos chamar para o encontro com o Senhor! • Ana Cláudia: *26/01/1965 +19/10/2014 Ana

Cláudia:

Mulher

de

elebrar este aniversário organizamos uma Sorriso largo próprio de • Dona Onélia: *31/07/1932 mação de encontros para louvar, agradecer e tradicional “Louvor da Primavera”, quem encontrou o Senhor um dia inteiro para louvar a Deus +08/10/2014 r. numa Você experiência celebrando nosso aniversário. é nossoautêntica convidado mais que Mulher simples do bairro de batismo com o Espírito os no último dia 29 de agosto com o especial, venha celebrar conosco neste domingo de louvor!

Salseiros, em Itajaí, esposa

Santo. Sempre ao lado de seu

ento do novo CD de nossa Irmã de Comunidade, A gratidão é uma das notas de nosso carisma, sendo assim, no dia 24 fiel e mãe eterna... Alargou marido, exultava na presença Medeiros. O título do álbum é sua “Deixa-te maternidade Deus, e aansiava celebrareigerando a Missa de Açãodede Graças entrega dopela Prêmio “Vaso de r”, as canções são belas, ternas e vigorosas. Foi Honra” “no Espírito” muitas vidas e entidades pregação Palavra e mergulhava na contemplação a 15 pessoas queda muito colaboraram e colaboram oite linda, noite de louvor no Centro para Integrado o Senhor. Carismática dainício Eucaristia. alegria receber a Ana Claudia com nossa comunidade, do até os diasQue de hoje. ura, o CIC, genuína, em Florianópolis ficou repleto da orante,que profética, atuante... ao final das missas da Agronômica, uma palavra de O dia do aniversário da Comunidade, que é diagratidão, 27 de setembro, será um carinho, apreço, incentivo e confirmação. “Mais Feliz com Jesus”. Na Casa da Providência partilhava o Pão Palavra quetodos daNem diada especial para Comunidade Vida edoença da Fraternidade em a confiante mesmo de a torpe lhe roubou 05 de setembro, o CEAR na Vila doouvindo Divino Oleiro, milhares buscavam suas pregações, a celebraremos Cura alegria nono Senhor Aliança, pois como Comunidade este dia. Divina pela imposição das mãos e a caridade fraterna vernador Celso Ramos, recebeu o cantor Martín encerrar mês celebrativo iniciado em 29buscaram de agosto, no dia 29e de no para atendimento aos carentes. centro e rei ode Três mulheres que o Alto para o Alto se e, do México, mais um grande encontro Jesus, de E para sua vida. Eu a conheci melhor na Capela Cristo Rei, deixaram: Onélia, Malva, Ana Cláudia. setembro vamos festejar os Santos Arcanjos no Espaço Católico Divino O cantor e compositor, ícone da música em Cordeiros, tardes de libertação Oleiro,e em Balneário Camboriú. tica católica em todo nas o mundo noslouvor, fez cura No Alto nos encontraremos: Amém! às quartas-feiras. Fui identificado por suas profecias, mentar a copiosa graça de Deus. Uma noite Vocês, queridos arautos, são muito importantes para a Comunidade pelo dom de ciência e cura que ela ministrava. Em seu Cremos na Vida Eterna: Aleluia! ecível! Divino Oleiro, por isso expresso toda a nossa gratidão convidando-os

velório, a Casa da Providência exalava o bom perfume

se unirem a nós participando destes momentos acima explanados. deprogramação Cristo, o perfume que exalam aspara vidas em Deus uando nossa festiva, celebraremos santificadas. 17 de setembro, quarta-feira, às 20h, uma Missa Será uma grande alegria estar com vocês, nossos irmãos e irmãs e juntos Vocações presidida por Dom Wilson. Somos podermos dizer com toda convicção: " Em Cristo, Deus Pai nos • Dona Malvina Silva: gratos aos nossos queridos pastores que nestes escolheu." Ef1,4

*24/12/1923 +16/10/2014

s nos acompanham e manifestam a bondade de Minha bênção sacerdotal e um forte abraço, Sacristã evelando seu Amor e encorajando-nos a Amarda Igreja Matriz do Divino Espírito Santo por a Vida!

mais de 40 anos. Mulher

21 de setembro, domingo, teremos nosso já

Pe. Marcio Alexandre Vignoli - Fundador da Comunidade Divino Oleiro www.divinooleiro.com.br

Novembro 2014

3


Perseverando na palavra

Decisões guiadas pelo Espírito Santo “Se vos desagrada servir o Senhor, escolhei hoje a quem quereis servir; se aos deuses, a quem serviram vossos pais além do rio, se aos deuses dos amorreus, em cuja terra habitais. Porque, quanto a mim, eu e minha casa serviremos ao Senhor” (Jos 24, 15). Nossa vida é consequência de escolhas que fazemos e decisões que tomamos o tempo todo. Este binômio - escolha e decisão - influi diretamente no resultado de uma vida feliz ou não, e, não teria tanta importância se não fôssemos nós os responsáveis por tais consequências em nosso viver. Agora mesmo você pode estar colhendo frutos amargos por ter tomado decisões precipitadas, ou decisões fora da vontade de Deus, ou decisões sugeridas por outros, ou simplesmente por não ter decidido nada com medo das responsabilidades implícitas em tal decisão. A Palavra de Deus nos exemplifica decisões desastrosas que frustraram a vida de muitos homens e mulheres por terem feito escolhas erradas que os conduziram a decisões catastróficas: O filho pródigo (Lc 15, 11-32) por escolher deixar o pai e ir para o mundo, experimentou o lugar mais temido por um judeu, o chiqueiro. Ló, por ter escolhido as terras férteis do Jordão pensando levar vantagens sobre Abraão (Gn 13, 10), acabou por firmar residência pros lados de Sodoma e Gomorra, destruídas pelo Senhor mais tarde. Saul, rei de Israel, que tinha a unção de Deus e poder sobre a nação do Senhor, tudo perdeu por decidir apartar-se de Deus e desobedecer-Lhe (2 Sam 31, 1-13), e assim, tantos outros escolheram mal e decidiram-se pelo trágico! Josué, depois de conquistar Canaã e introduzir o povo de Deus na terra prometida, lhes propôs a mais importante escolha que implicaria em uma decisão vital para toda a nação de Israel – uma vida com Deus ou sem Deus -, a bênção ou a maldição, a vida ou a morte, a abundância ou a penúria, a bem aventurança ou o amargor de uma vida sem consolo e refrigério. O povo de Israel, possuidor de uma lei, e agora de um território, precisava saber alguns princípios básicos que determinariam sua felicidade ou infelicidade por

meio de suas escolhas e decisões, às quais são válidas até hoje para nós: 1. Deus deve reger todos os critérios de escolhas e decisões. Ele é o Senhor, deve ser o primeiro sobre todas as coisas e pessoas; 2. Escolhas e decisões não podem ser frutos de emoção e sentimentos. Eles são transitórios e trairão o discernimento acertado; 3. Cada um é responsável por suas escolhas e decisões. Logo, não culpe ninguém por suas decisões, nem mesmo Deus, pois, Ele nos deu liberdade para escolhermos e decidirmos; 4. Ninguém pode decidir por você. Decisão é uma atitude pessoal e intransferível; 5. Toda decisão correta custará um esforço, mas trará uma grande bênção. Josué ensinava ao povo naquele dia, e nos ensina hoje que, o sucesso da vida de uma pessoa, família, comunidade, bairro, cidade ou país, depende da prioridade que será dada a Deus, o Senhor. Fazer escolhas e determinar decisões sem Deus é assumir fracassos, é colher frutos amargos, enquanto que, escolhas e decisões guiadas pelo Espírito Santo de Deus, estão destinadas à felicidade, vitória e vida! Infelizmente o povo de Israel, que durante toda vida de Josué e de seus anciãos viveram para Deus segundo a decisão tomada naquele solene dia (Jos 24, 16-18), esqueceu o pacto, abandonou sua decisão e serviu aos deuses estranhos (Jz 2, 11-24). Consequentemente, Israel viveu amargos quatrocentos anos como escravos na Babilônia, teve seus bens saqueados, seu templo destruído e suas mulheres e filhos transformados em serviçais do rei. Lembremo-nos do que nos exorta a Palavra de Deus: “Ponho diante de ti a vida e a morte, a bênção e maldição. Escolhe, pois, a vida, para que vivas com tua posteridade, amando o Senhor, teu Deus, obedecendo à sua voz e permanecendo unido a ele” (Deut 30, 19b). Jacira Mourão – Irmã em Aliança da Comunidade Divino Oleiro

4

Novembro 2014

www.divinooleiro.com.br


estudo bíblico

Exercícios 1 – A decisão final é fruto de uma escolha final. Como você toma suas decisões? ( ) Em geral consultando amigos; ( ) De acordo com a inclinação do meu coração; ( ) Buscando a vontade de Deus; ( ) De acordo com os meus sentimentos.

( ) Eva decidiu comer do fruto da árvore e apresentou também ao seu marido (Gn 3, 1-7); ( ) Abraão deixou tudo para trás e decidiu partir como o Senhor lhe tinha dito (Gn 12, 1-4); ( ) José decidiu obedecer a Deus e ser fiel ao seu senhor Putifar não o traindo com sua esposa e acabou preso. (Gen 39, 7-23); ( ) Ananias e Safira caíram mortos por decidirem esconder do apóstolo Pedro parte da venda de suas terras (At 5, 1-11); ( ) João Batista teve sua cabeça numa bandeja por decidir denunciar o pecado de adultério de Herodes Antipas com Salomé, sua cunhada. 3 – Decisões guiadas pelo Espírito Santo exigirão um preço a ser pago, mas trarão vitória e bênçãos. a) Em Mt 15, 21-28 lemos que a mulher “cananeia” decidiu seguir Jesus e insistir em favor de sua filha com gritos que importunavam os discípulos. Qual a recompensa dessa mulher? R.: ________________________________________ b) Zaqueu, chefe dos recebedores de impostos, decidiu subir em uma árvore para ver Jesus passar. Qual a recompensa de Zaqueu? R.: ________________________________________ c) Por volta do meio dia, na força do sol, a samaritana decidiu ir ao poço tirar água (Jo 4, 1-42). Que recompensa teve essa mulher? R.: ________________________________________

d) Em Lc 8, 43-48 a mulher doente e fraca decidiu comprimir-se na multidão e tocar a veste de Jesus. Qual sua recompensa? R.: ________________________________________ 4 – Copie o versículo 14 de I Jo 5: ___________________________________________ ___________________________________________ ___________________________________________ ___________________________________________ 5 – Esperar que Deus decida por nós é correto? Marque a alternativa correta. ( ) Sim ( ) Não

Nossas decisões trazem consequências diretas para nossa vida. Ore ao Espírito Santo de Deus para que você seja sempre conduzido por Sua luz, sabedoria e discernimento.

RESPOSTAS 1 – ( x ) Buscando a vontade de Deus; 2 – ( x ) Abraão deixou tudo para trás e decidiu partir como o Senhor lhe tinha dito (Gn 12, 1-4); ( x ) José decidiu obedecer a Deus e ser fiel ao seu senhor Putifar não o traindo com sua esposa e acabou preso. (Gen 39, 7-23); ( x ) João Batista teve sua cabeça numa bandeja por decidir denunciar o pecado de adultério de Herodes Antipas com Salomé, sua cunhada. 3 – a) No final obteve a libertação de sua filha; b) Jesus foi à casa de Zaqueu e a salvação entrou em sua vida. c) Jesus lhe saciou a água viva. d) Foi curada da enfermidade que sofria há 12 anos. 4 – “A confiança que depositamos nele é esta: em tudo quanto lhe pedirmos, se for conforme à sua vontade, ele nos atenderá. E se sabemos que ele nos atende em tudo quanto o lhe pedirmos, sabemos daí que já recebemos o que pedimos”. 5 - ( x ) Não

2 – A Palavra de Deus relata vários exemplos de decisões acertadas, mesmo quando o preço pago é alto. Assinale-as:

Jacira Mourão – Irmã em Aliança da Comunidade Divino Oleiro www.divinooleiro.com.br

Novembro 2014

5


Perseverando na Oração

Orar é preciso! Caro leitor, durante o nosso dia precisamos ter um tempo para fazermos o nosso momento com o Senhor e é motivado por esta certeza que eu o convido a rezar comigo: Senhor Jesus, nos colocamos em Sua presença na certeza de que escutas as nossas orações. Humildemente Vos pedimos que olhes para cada um de nós. Queremos Senhor, receber de Ti as mais ricas bênçãos. Queremos Senhor, perceber nossas vidas, nossas famílias, nossos irmãos sendo alcançados por Sua misericórdia. Manifestai o Teu poder em nosso favor, transformando-nos em pessoas melhores a cada dia. Queremos ser tomados pelo Teu Espírito, pois temos a certeza que somente com Ele é que conseguiremos, em meio às lutas do dia-a-dia, encontrar forças para continuar lutando. Lutas estas que muitas vezes

acreditamos que não vamos superar, mas quando nos damos conta, já vencemos a batalha graças ao Teu auxílio. Não nos deixeis desamparados, pois queremos todos os dias poder dizer que somos vitoriosos por que “tenho sempre o Senhor ante meus olhos, e se o tenho ao meu lado não vacilo” (Sl 15, 8). Ficai conosco Senhor Jesus, para que possamos ser pessoas melhores. Dai-nos paz, saúde e prosperidade, conceda-nos a Tua graça, concedanos a Tua bênção, amém! Que todos nós possamos contar com a graça de Deus para continuarmos o nosso propósito de “Tudo ser e fazer por amor a Deus e em favor dos irmãos”. Que possamos permanecer sempre nesta comunhão de oração. Um abraço fraterno e que Deus nos abençoe!

Mauricio Borges Feliciano - Consagrado da Comunidade Divino Oleiro 6

Novembro 2014

www.divinooleiro.com.br


especial

Em busca de discernimento...

Em nossas vidas a todo o tempo precisamos tomar muitas decisões. Algumas são mais simples, no dia-a-dia, que são de ordem financeira, pessoal, gerencial. Outras implicam ações para toda a vida como decidir acolher a vontade do Senhor Deus como vocação, por exemplo. A Palavra de Deus nos ensina que precisamos pedir o Espírito Santo que vem com os Seus dons e carismas, dentre eles o discernimento. E o que é o discernimento? Essa é a ferramenta que o Senhor nos concede para percebermos distintamente, para distinguirmos a melhor opção. As melhores decisões são sempre tomadas mediante a oração. Com a oração podemos ouvir a voz de Deus, distingui-la com discernimento e decidirmos com coragem. Quer tomar uma boa decisão? Então vamos lá, siga alguns passos: 1. Procure um bom lugar para fazer a sua oração pedindo ao Espírito Santo discernimento e

sabedoria para fazer uma boa decisão e se abra ao plano maior de amor de Deus para você. 2. Tenha diante dos seus olhos a sua história de vida, conheça-se interiormente e fique atento ao mover de Deus, pois Ele se revela na concretude de nossas vidas. Quer decidir a sua vocação? Perceba os sinais de Deus em sua vida. Com certeza o Senhor há muito já lhe prepara para determinada vocação. 3. Grandes decisões não podem ser tomadas de uma hora para outra. Não! Elas precisam de um tempo de maturação. Amadureça sua oração e tenha clareza dentro de você para saber se está preparado para tal vocação. A Palavra de Deus em Eclesiástico 22, 19 diz: “Uma decisão bem amadurecida é como um encaixamento de madeira adaptado aos alicerces de um edifício que não se desconjunta”. 4. Então decida-se. Mas a decisão vem sempre acompanhada de uma outra palavra: atitude. Agora, coragem! Que o Espírito Santo lhe ajude a fazer a melhor decisão.

Elaine Vier da Silva - Consagrada da Comunidade Divino Oleiro www.divinooleiro.com.br

Novembro 2014

7


ESPECIAL

Um olhar transformador Irmãos e irmãs, pax! Neste mês de novembro somos convidados a ser santos, como o próprio Cristo foi em sua humanidade, deixando para nós seu testemunho de vida e ensinamentos. Há 2 anos e 8 meses havia um homem desesperado, decepcionado, sem esperanças com sua vida traçada por caminhos tortuosos e erros cometidos por suas próprias escolhas. Mas eis que Deus, na sua infinita bondade e misericórdia, inclinou-se para ir ao encontro desta história transformando-a radicalmente. Sim, um homem que há muito tempo estava preso e cativo à dependência química, ao álcool e tantos outros vícios, que não suportava mais carregar esta escravidão em sua vida!

Que no alto dos seus 36 anos, com tantas experiências frustradas (desde constituir uma família até a tocar a empresa de seu pai), na condição de dependente e pecador, tinha assumido como verdade que era um fracassado e que a melhor coisa a fazer era tirar a própria vida! Quanto desespero e tristeza numa alma e num só coração, mas quis o Senhor mudar também essa tentativa, pois Deus queria lhe dar mais uma chance de recuperar sua dignidade e curar suas feridas e o chamar para uma vida nova e santa, experimentando a radicalidade do seguimento do Seu Filho Jesus. Ao chegar à Vila do Divino Oleiro em 2 de março de 2012, quis o Senhor mudar para sempre o seu rumo, colocando em seu coração que ali, naquela Comunidade, naquele solo sagrado, Ele, o próprio Deus, iria mudar sua vida e assim o Senhor o fez. Este homem está há mais de 2 anos livre da escravidão das drogas, curado de suas maiores decepções, verdadeiramente feliz e vivendo uma vida nova em Cristo por obra e bondade do Senhor, nosso Deus, e ainda descobriu-se chamado a uma especial consagração nesta Comunidade, lugar de sua salvação. Tenta, com a graça de Deus, levar uma vida em santidade, semeando a esperança nos corações daqueles que o Senhor coloca em seu caminho, anunciando que há salvação em Jesus e que Ele é o único que pode salvar, curar e nos restituir em dobro tudo o que foi roubado de nós, levando-nos a ser santos e herdeiros do céu. Meus queridos, desejo do fundo do meu coração que o Senhor Jesus derrame sobre vocês as graças necessárias para caminharem rumo à santidade. São os desejos sinceros deste homem que viveu e vive isto tudo em sua vida, eu, Rodrigo Ivaldino Caetano, noviço da comunidade Divino Oleiro.

Rodrigo Ivaldino Caetano – Noviço da Comunidade Divino Oleiro 8

Novembro 2014

www.divinooleiro.com.br


ESPECIAL

“Em Cristo, Deus Pai nos escolheu” (Ef 1, 4) Uma escolha perfeita, um chamado irrevogável, um dom admirável, um presente que se torna alegria, exigência, entrega, SIM.

Todos os dias deveríamos nos perguntar:

“EM CRISTO, DEUS PAI NOS ESCOLHEU.” (Ef 1, 4).

- “E nesta maneira de eu acolher, neste meu julgar, pensar?”;

Será que saber isto basta para uma vida realizada? Será que isto é o suficiente para minha felicidade, para a solução dos meus problemas? Será que esta condição é norteadora em meu viver ou mais um detalhe como outros? Meu Deus... É verdade que às vezes nos acostumamos com Tua vontade, com Teu mover em nossas vidas. É bem verdade que, muitas vezes, consideramos que uma vida Contigo deveria ser como um conto de fadas ou como uma historinha de “príncipes e princesas”, “castelos e bosques”, uma vida “mar-de-rosas”, sem dor, sem luta, sem CRUZ, sem DECISÃO. Irmãos, “em Cristo, Deus Pai nos escolheu”, mas será que eu O escolhi também?

- “E neste meu jeito de agir, neste meu jeito de falar?”;

Será que o princípio de minhas ações é a opção fundamental que fiz por Jesus Cristo, meu Senhor? Seria santo e íntegro de nossa parte buscar uma vida assim. Uma íntima comunhão com o Senhor Jesus, propõe estes questionamentos e iniciativas. UMA VIDA COM JESUS REQUER DECISÃO. DECISÃO DE CRISTÃO! DECISÃO DE FILHO DE DEUS, DE HERDEIRO DO CÉU. Levantemos nossa fronte e olhemos para o ALTO, de lá nos provém todo o bem. Um abraço. Vamos juntos continuar proclamando: “EM CRISTO, DEUS PAI NOS ESCOLHEU.” (Ef 1, 4).

Juliane Caroline de Souza - Consagrada da Divino Oleiro www.divinooleiro.com.br

Novembro 2014

9


ESPECIAL

Conhecendo o carisma Divino Oleiro Disposição “Na imensa seara do Senhor há que se ter sempre muita disposição para enfrentar agruras, lutas, dificuldades e os pesos cotidianos” (cf Estatutos CDO). Nossa vida é intensa, nosso carisma é amplo e exigente: “Tudo ser e fazer por amor a Deus e em favor dos irmãos”, suprindo lacunas apostólicas da Igreja. Este “Tudo ser e fazer” se concretiza no “Ora et Labora” de São Bento de Núrsia, abade. “Orar e trabalhar;” eis a inspiração que norteia nossa vida-consagração. Este lema da vida beneditina é o mesmo que viver e trabalhar em meio às tarefas do dia-a-dia a partir da oração. Tanto a oração como o trabalho querem nos levar para Deus e colocar-nos a Seu serviço para “que em tudo seja Deus glorificado” (RB 57, 9).

“Meu pai trabalha sempre, disse Jesus” (Jo 5, 17). Assumimos nosso apostolado e também nos relacionamos com Deus e com os irmãos de forma intensa. Dizemos sim com disposição a tudo o que edifica a comunidade, a Igreja e o Reino. Aceitamos fazer tudo e ser tudo o que nos é proposto com ânimo, ousadia e cheios da unção do Espírito Santo. Não medimos esforços para dar mais Àquele que tudo nos deu. Por isso não desanimamos deste ministério que nos foi conferido por misericórdia (cf II Cor 4, 1). Com disposição desbravamos novos caminhos, assumimos novos desafios, enfrentamos agruras, dispomos de nosso tempo, de nossos dons e talentos, no intuito de oferecer a Deus a melhor parte, ofertando com alegria os abundantes frutos colhidos na imensa seara do Senhor.

Uma sensata alternância e uma equilibrada medida de oração e trabalho são consideradas pelos monges como um bom caminho para Deus. Este caminho nos protege dos exageros e excessos. O dia inteiro do monge é marcado pela oração e pelo trabalho. A primazia, em tudo, cabe claramente à oração, pois “ao serviço de Deus nada deve ser anteposto” (RB 43,3). Para sermos fiéis a esta espiritualidade herdada da regra de São Bento, precisamos ter muita disposição. Eis uma das notas que caracterizam o carisma Divino Oleiro. “Estar sempre disposto, vigilante, em prontidão, com boa vontade, garra, ganas... Para toda boa obra em favor dos irmãos. Todo sinal ou aceno de tibieza, lassidão, preguiça, deverá logo ser corrigido com muita oração e trabalho, pois a obra do Reino é construída com muito suor e dedicação” (c f Estatutos CDO).

Daniela Ivone dos Santos – Consagrada da Comunidade Divino Oleiro 10

Novembro 2014

www.divinooleiro.com.br


notícia

Sínodo dos Bispos sobre as famílias Durante os dias 05 a 19 de outubro aconteceu em Roma a 3º Assembleia Extraordinária do Sínodo dos Bispos. Esse encontro foi convocado pelo Papa Francisco e contou com bispos de diversas partes do mundo, sacerdotes, especialistas, estudiosos e casais leigos. A temática central do encontro foi a família que vem passando por diversos desafios. Como católicos, precisamos de orientações de qual postura adotar frente a “casais que vivem juntos, separados, divorciados, divorciados que voltaram a se casar, seus filhos, mães adolescentes, os que estão em irregularidade canônica e os que pedem o matrimônio sem ser crentes ou praticantes, entre outros”, conforme expressou o secretário geral do Sínodo dos Bispos, cardeal Lorenzo Baldisseri, ao falar sobre o documento “Os desafios pastorais sobre a família no contexto da evangelização” que serviu de base para as discussões. Entre as reflexões debatidas ficou em voga que a missão da Igreja é o combate ao individualismo. Para isso, se deve ter um olhar muito próximo da família e da pessoa humana através da cultura da aproximação. O arcebispo de Budapeste, na Hungria, e presidente-delegado do Sínodo, cardeal Peter Erdo, apresentou o relatório precedente ao debate. Ele recordou o Papa Paulo VI, quando afirmou que

“a família não é só sujeito de evangelização, mas sujeito primário no anúncio da Boa Nova de Cristo”. Diante disso, considera ser necessária “a incessante compreensão e atualização do Evangelho da Família e os problemas familiares mais graves devem ser considerados como ‘sinal dos tempos’”. Em breve poderemos nos aprofundar nesta exortação apostólica que trará um resumo das principais conclusões que os bispos chegaram no Sínodo. O grande desafio agora é o amadurecimento das propostas nas dioceses. Não são perspectivas fáceis, mas de misericórdia e caminho. Diante das dificuldades e crises enfrentadas pela família, continua latente a interrogação sobre qual é o desígnio divino sobre a família e sobre como ajudá-la a conhecer melhor a vontade de Deus e a corresponder com a vocação da família. Porém, enquanto isso, façamos nós a reflexão: na minha família eu, como pai, mãe, filho(a) de uma família cristã, sigo seus preceitos?

“A missão da Igreja é o combate ao individualismo” Gerusa Pauli Safra - Irmã em Aliança da Comunidade Divino Oleiro www.divinooleiro.com.br

Novembro 2014

11


vem aí

Aproxima-se o Advento... Como está o seu Coração? A palavra “advento” tem origem latina e significa “chegada”, “vinda”. No Ano Litúrgico, o Advento é um tempo de preparação para a segunda maior festa cristã: o Natal do Senhor. Neste tempo, celebramos duas verdades de nossa fé: a primeira vinda (o nascimento de Jesus em Belém) e a segunda vinda de Jesus (a Parusia). Assim, a Igreja comemora a vinda do Filho de Deus entre os homens (aspecto histórico) e vive a alegre expectativa da segunda vinda d’Ele, em poder e glória, em dia e hora desconhecidos (aspecto escatológico). Como se estrutura o Tempo do Advento O tempo do Advento não tem um número fixo de dias e depende sempre da solenidade do Natal. Ele começa com o primeiro domingo após a Solenidade de Cristo Rei e se desenvolve até o Natal. Ele possui quatro semanas. O terceiro domingo do Advento é chamado de domingo da alegria (gaudete, em latim) por causa da antífona de entrada da missa (Alegrai-vos sempre no Senhor), mostrando a alegria da proximidade da celebração do Natal. O tempo do Advento se divide em duas partes. A primeira, que vai até o dia 16 de dezembro, é marcada pela espera alegre da segunda vinda de Jesus. A segunda parte (dias que antecedem o Natal) se destaca pela recordação sobre o nascimento de Jesus em Belém. As figuras bíblicas principais do Advento Dois personagens bíblicos ganham destaque na celebração do Advento: Maria e João Batista. Ela porque foi escolhida por Deus para ser a mãe do Salvador, ele porque foi vocacionado a ser o precursor do Messias. Ela se torna modelo do coração que sabe acolher a Palavra e gerar Jesus. Ele se torna modelo de uma vida que sabe esperar nas promessas de Deus e agir anunciando e preparando a chegada da salvação. Em ambos se manifesta a realização da esperança messiânica judaica e o anúncio da plenitude dos tempos.

“Atentos e vigilantes” A espiritualidade do Advento é marcada por algumas atitudes básicas: a preparação para receber o Cristo; a oração e a vivência da esperança cristã. A preparação para receber o Senhor se dá na vivência da conversão e da ascese. Precisamos ter um olhar atento sobre nós e a realidade que nos cerca e nos empenharmos para correspondermos com a ação do Espírito de Deus que quer restaurar todas as coisas. A preparação para celebrar o Natal demanda uma confissão sacramental bem feita e um propósito firme de renovação interior. Procure viver bem estes dias, este tempo litúrgico. Que graça poder celebrar o nascimento de nosso Salvador com a certeza de que Ele logo retornará. Para lhe ajudar, a Comunidade Divino Oleiro lhe sugere a leitura do DEVOCIONÁRIO DE NATAL, um livreto que atualizará na sua vida esta alegria de ter JESUS, o Filho de Deus, o Filho de Maria. Comunidade Divino Oleiro

12

Novembro 2014

www.divinooleiro.com.br


projeto mais feliz com jesus Rádi o Cu ltura

Projeto MaisfeliFeliz z com J esus! com Jesus Fl o

rian

Ma is

ópo

lis

- S C

Quanto maiores são as dificuldades, maiores são as bênçãos dispensadas Você já ouviu aquele ditado cristão que fala: “Quanto maior a luta, maior é a vitória”? Então, nós da Comunidade Divino Oleiro temos vivido este ditado algumas vezes ao longo de nossa tão curta história de 15 anos. Para que o Evangelho seja anunciado, muitas vezes passamos por provas, agruras e grandes provações, mas cremos naquilo que proclamou o apóstolo Paulo: “Mas em Cristo somos mais que vencedores, graças àquele que nos amou” (Rm 8, 37). Outra passagem bíblica ainda diz : “Se entrares para o serviço do Senhor, prepara a tua alma para a provação (Eclo 2). O próprio Jesus disse : “Quem quiser me seguir, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me” (Lc 9, 23 ).

meios para que possamos honrar com mais este investimento para a evangelização. Mas nem tudo é tão ruim assim! O transmissor que queimou já não rendia mais o necessário para uma boa qualidade de áudio e cobertura do sinal da Rádio. Assim, com estes novos equipamentos, vamos ter uma RÁDIO CATÓLICA AINDA MELHOR, com mais qualidade de som e chegando muito mais longe. Glória a Deus! Agora, caro colaborador, nós contamos ainda mais com a sua oferta fiel mensal. Pois, além de nossas despesas fixas, temos que honrar com este novo investimento. Se somos fiéis no pouco, Deus nos confiará muito mais, creia e viva essa graça !

Evangelizar sempre foi um grande desafio, cheio de dificuldades. E as dificuldades, grandes dificuldades, continuam... No ano de 2006 passamos por uma grande provação com a queda da antena da Rádio Cultura, por conta de uma tempestade em Florianópolis. No último dia 26 de setembro, outra tempestade com descargas elétricas (raios) queimou por completo o transmissor da Rádio Católica AM 1500 de Balneário Camboriú, deixando o equipamento sem condições de reparo. Não tivemos alternativa senão a de adquirir às pressas um novo transmissor e uma nova caixa de sintonia, equipamento que faz a junção entre a antena e o transmissor. O investimento inesperado foi de exatamente R$ 48.800,00, dividido em 4 parcelas. Temos a plena certeza que o nosso Deus, que é generoso e benfeitor, providenciará todos os Erichson Stueber - Consagrado da Comunidade Divino Oleiro www.divinooleiro.com.br

Novembro 2014

13


Vila do Divino Oleiro

“Mãos na obra!” É muito bom poder partilhar com você, querido irmão e irmã, especialmente neste mês em que nossas vidas, aqui na Vila tomam um rumo diferente e todo especial! É isso mesmo: com o coração alegre, cheio de amor e gratidão, recebemos este presente de Deus: nossa querida e tão esperada Maria Alice. Sim, meu esposo Erichson e eu estamos felizes, vivendo este momento mais que novo em nossa caminhada. E ainda mais, por saber que aqui, ela iniciará seus primeiros aninhos de vida e logo, logo, com seus lindos olhinhos, também estará contemplando este lugar tão maravilhoso e tão cheio da presença de nosso Deus, que é a Vila do Divino Oleiro, onde as bênçãos não cessam de ser derramadas! Por falar em bênçãos derramadas, vivemos no mês passado, aqui no CEAR, a campanha de oração o Altar dos Anjos. Foram milhares de pessoas participando conosco e muitos testemunhos dados a partir deste mover de oração. Também recebemos com muita alegria, pela primeira vez, o movimento das Equipes de Nossa Senhora para realizar seu retiro anual. Que Deus abençoe cada vez mais este movimento e que Nossa Senhora continue intercedendo por estes casais que buscam no sacramento do matrimônio um ideal de vida cristã. E neste mês, aqui no Vila do Divino Oleiro, teremos dois encontros imperdíveis: • Para os CASAIS: 14, 15 e 16 de nove mbro – III CONGRESSO EVANGELÍSTICO DE CASAIS CATÓLICOS, com o tema: “Em Cristo, Deus Pai nos uniu” e a presença do CASAL PREGADOR – Alexandre e Andréia da Comunidade Pequeno Rebanho do Rio de Janeiro

• Para os JOVENS: 28, 29 e 30 de novembro – II HEAVEN`S PARTY (A Festa do Céu). E esperamos você, de qualquer idade – criança, jovem, adulto idoso, a conhecer e estar conosco nas Missas de Louvor, Cura e Libertação todas as quartas-feiras e nos encontros aos finais de semana. Fique com Deus e até a próxima edição.

Seja um colaborador, um arauto evangelizador. DIGA SIM À EVANGELIZAÇÃO!

BANCO DO Agência: 3174-7

BRASIL

CC: 103117-1

Agência: 1877 Operação: 003 CC: 3605-2

Você pode fazer sua colaboração com nossas Arautas Arrecadadoras. Patricia Lemes Stueber - Consagrada da Comunidade Divino Oleiro 14

Novembro 2014

www.divinooleiro.com.br


para ser feliz

A família Realizou-se em Roma, faz poucos dias, o Sínodo sobre “Os desafios pastorais da família no contexto da evangelização”, que avaliou e aprofundou as sugestões vindas das Dioceses de todo o mundo. A segunda etapa desse importante encontro de cardeais, bispos e peritos de todas as partes da Terra acontecerá em outubro de 2015 e deverá concluir os trabalhos para apresentá-los ao Papa. O que é a família? É o berço do amor, o santuário da vida, laboratório de fraternidade, sementeira de vocações, lugar da oração, do diálogo e do perdão. Como é bom ter família, porto seguro onde sempre podemos voltar depois das tempestades. Ali estão o pai e a mãe que, com os filhos, formam a célula básica da sociedade; ali estão os que nos amam e, se não nos amam tanto quanto desejamos, nós os amamos quer mereçam quer não mereçam, porque o amor é gratuito e - se às vezes sabe esperar - tantas outras vezes se apressa, para ir ao encontro. O pensamento é de Ruy Barbosa, um dos grandes da Pátria: “É mais sério tocar na família que no Estado”. E como ela está sendo tocada, como está sendo rebaixada na sua dignidade. Por multidões imensas. Mas, também, quantos empenham a própria vida em seu benefício!

Ah, quanto cuidado é necessário com a caixinha que mudou o mundo: a televisão. Há mães que não dispensam a novela de cada dia, e lá se vai uma hora da vida, hora que nunca têm para o filho ou a filha; existem pais que não conseguem se desgrudar da telinha na hora do jornal, mas, para os filhos, sempre falta tempo. E agora o computador, a internet, o celular, o tablet, instrumentos formidáveis e, no entanto, fazendo tantos escravos, porque usados sem critério. Aí é difícil a família ser o paraíso que Deus sonhou...

“Não me caso para ser feliz, mas para ajudar o outro a ser feliz!”

Nos encontros com casais, normalmente lhes falo da real importância que existe nos atos de amor de um pelo outro, para o bem dos filhos. Esses atos de amor são reveladores do que vai no coração do marido e da mulher: bondade, compreensão, vontade generosa de ajudar o outro a ser feliz, a se realizar, porque não me caso para ser feliz, mas para ajudar o outro a ser feliz! E destaco para eles a importância do diálogo entre os dois e dos dois com os filhos, pois muito na vida da família gira em torno da palavra. E tenho recomendado que se ponham de joelhos, porque os joelhos que tocam a terra também tocam o coração de Deus. Rezar juntos, falar de suas vidas a Deus, entregar-Lhe os filhos, pedir por eles.

De outra parte, quantos pais e quantas mães que se privam desses momentos diante dos meios de comunicação, ou usam-nos com critério, e que dão o melhor de si para os seus! São pais sábios e prudentes, pais e mães que sabem que o amor sempre se doa sem esperar recompensa, que o amor sempre vai ao encontro, é criativo e não para de se renovar. Você pensa que se em Nazaré tivesse havido TV e internet no tempo de Jesus, Maria e José dariam prioridade a quê? E Jesus? Em seu lar, a prioridade absoluta era Deus! Por isso, aqueles três pobres mudaram o mundo... Jesus, Maria e José: abençoai-nos, Sagrada Família de Nazaré! Ajudai-nos para que a paz e a alegria – preciosas para uma educação eficaz – encontrem morada nos nossos lares!

Prof. Carlos Martendal - Apresentador na Rádio cultura www.divinooleiro.com.br

Novembro 2014

15


Ser e Conviver

O pescador “Faze-te ao largo, e lançai as vossas redes para pescar” (Mateus 5, 4). Um homem recebeu como missão ser pescador. Todo o dia ao acordar observava o tempo, preparava o barco para ir pescar e depois ajudava sua esposa a cuidar do belo jardim de sua casa. No alto mar descobria uma intimidade cheia de confiança, segurança e ternura com a vida. As pessoas a sua volta exclamavam: “Pescador, quanta intimidade com a vida!” Delicadamente, o pescador refletia: “Lanço as redes como oferecimento e sacrifício, e com minha esposa aprendo a plantar um amor maduro e sólido”. O pescador saboreava sua caminhada, buscava no silêncio a seta indicadora para enfrentar os medos, as dúvidas e a coragem para prosseguir. Assim, pois, o pescador convivia entre a chuva que fertilizava a terra, o sol que iluminava a terra e a rede que oscilava entre dar e receber.

“Tu minhas mãos solicitas. Meu cansaço, que a outros descanse. Amor que almeja seguir amando”

Um belo dia o pescador recebera uma carta que silenciava seu interior – “Pescador, chegou a hora de sua partida”. Um misto de incertezas, de angústias e inseguranças balançava o seu coração, mas a gratidão pela vida gerava aos pouco um momento de parada, de escuta e de reflexão. Com lágrimas e suor, o pescador, começou a regar a sua decisão, pouco a pouco foi se entregando e confiando na sua partida: “Tu minhas mãos solicitas. Meu cansaço, que a outros descanse. Amor que almeja seguir amando”. No silêncio do coração, o pescador buscava compreender como seria partir, como seria difícil deixar as pessoas que amava e o amavam, e tudo o quanto havia construído ao longo da vida. Partir seria olhar para as mudanças e sair de onde estava e de como estava. Foi chegada a hora de deixar o barco na praia e partir. Uma decisão entre o desprendimento e o desconhecido se aproximava. E assim, num dia de chuva foi deixando o seu barco. E quanto mais avançava e distante ficava de seu barco, ia encontrando o sol que iluminava as sementes que germinavam sobre o solo uma lição de simplicidade e de confiança trazendo segurança frente a sua decisão.

Priscila Nicolazi - Psicóloga e apresentadora na Rádio Cultura 16

Novembro 2014

www.divinooleiro.com.br


Crianças

Programa Portinha Do Céu AS AVENTURAS de BIEL e TRININ Certa vez, Biel estava com alguns dos anjinhos do céu preparando um lindo ramalhete de flores para enfeitar o trono do Papai do Céu. Trinin chegou feliz chamando Biel: – Olhe Biel, acabei de receber uma missão muito importante do Menino Jesus. Vamos lá na Terra encontrar as crianças amiguinhas do céu. Os amigos do céu são fáceis de serem encontrados porque estão sempre rodeados de anjos! – O Menino Jesus nos deu a missão de ajudarmos a ajudar!, disse Trinin. – Olhe lá o Davi, ele está esperando seus amigos chegarem para jogar futebol, mas o que será que ele está pedindo para o Menino Jesus? Ao chegarem perto, Biel e Trinin logo ouviram o pequeno Davi rezando e dizendo: – Menino Jesus, amigo das crianças, ajude o nosso time... Ah! Não precisamos ganhar, não!

– Sim Davi, vamos distribuir para todos os amigos que fizemos quando a nossa catequista nos levou naquelas casas nas quais faltavam tantas coisas! – É, Davi, vamos treinando o futebol para não fazer tão feio! Biel e Trinin comentaram: – Já sabemos que a nossa missão é trazer muitas pessoas para este jogo! Logo chegou o grande dia do jogo; havia festa na terra e no céu. E naquele pequeno campinho começaram a chegar muitas pessoas trazendo suas doações. Os times se colocaram para o jogo, mas antes Davi falou para todos: – Quero agradecer a Deus por todos estarem aqui! Jesus, Nossa Senhora e, com certeza, os anjos, pois sabemos que muitas pessoas vão ficar felizes com tanta caridade! O time do Davi perdeu por 4x2, mas nada tirava daquela turminha a alegria maior de saber que eram vencedores para o céu!

– Que estranho, ele pede para ajudar o time e nem está pedindo para ganhar?, disse Biel. Quando a turma de amigos chegou, foi logo combinando: – Oi Davi, o time está completo: o pessoal do outro colégio aceitou a ideia; faremos um belo jogo! – Que bacana, Tiago! Nosso grupo de catequese vai fazer este jogo e quem participar, até mesmo a torcida, trarão brinquedos, alimentos e roupas para doações. A TURMINHA PORTINHA DO CÉU, VOVÔ RICARDO, DENISE, GABI E OS ANJINHOS CONVIDAM VOCÊ A FAZER PARTE DESTE PROGRAMA: OUÇA TODOS OS SÁBADOS, ÀS 10 HORAS DA MANHÃ, NA RÁDIO CULTURA AM 1110 OU PELA INTERNET: www.radioculturafloripa.blogspot.com.br.

Denise Boppré - Psicopedagoga e Apresentadora na Rádio Cultura www.divinooleiro.com.br

Novembro 2014

17


fatos e fotos 29/09 - INÍCIO DA CAMPANHA ALTAR DOS ANJOS - ESPAÇO CATÓLICO DIVINO OLEIRO - BALNEÁRIO CAMBORIÚ

18

Novembro 2014

www.divinooleiro.com.br

12/10 - CELEBRAÇÃO DE NOSSA APARECIDA E DIA DAS CRIANÇAS - SERTÃO DA BAHIA


com a igreja

A verdadeira liberdade o Senhor a dá Sempre “A sabedoria, porém, libertou dos sofrimentos os seus fiéis” (Sab. 10, 9). Lembremos das características da sabedoria divina, sabedoria que liberta do mal e da opressão àqueles que se colocam a serviço do Senhor. Na verdade, Ele não é neutro, mas sua sabedoria está do lado das pessoas frágeis, das pessoas discriminadas e oprimidas que se abandonam confiantes a Ele. Antes de tudo nós somos um povo que serve a Deus. O serviço a Deus se realiza de várias maneiras, especialmente em oração e adoração, no anúncio do Evangelho e no testemunho da caridade. Maria é sempre o ícone da Igreja, a “serva do Senhor” (cf. Lc 1, 38). Logo após receber o anúncio do anjo e ter concebido Jesus, Maria vai às pressas ajudar sua prima Isabel, de idade avançada. Assim, mostra que a melhor maneira de servir a Deus é servir os nossos irmãos e irmãs que precisam de ajuda. Na escola da Mãe, a Igreja aprende a tornar-se cada dia “serva do Senhor”, para estar pronta a sair para atender às situações de maior necessidade, para ser atenta aos pequenos e excluídos. Mas o serviço da caridade, todos nós somos chamados a viver na realidade comum, ou seja, na família, na paróquia, no trabalho, com os vizinhos… É a caridade comum de todos os dias. Desta forma, a comunidade cristã busca propagar na sociedade aquele “suplemento da alma” que permite olhar além e ter esperança. Encorajo a todos vocês, sacerdotes, pessoas consagradas e fiéis leigos, a perseverarem neste caminho, servindo a Deus no serviço aos irmãos e difundindo a cultura da solidariedade em todos os lugares. Há tanta necessidade desse compromisso, diante das situações de precariedade material e espiritual...

É necessário colocar a dignidade da pessoa humana no centro de todas as perspectivas e de todas as ações. Os outros interesses, mesmo que legítimos, são secundários. No centro está a dignidade da pessoa humana! Por quê? Porque a pessoa humana é a imagem de Deus, foi criada à imagem de Deus e nós somos todos imagem de Deus! Portanto a Igreja é o povo que serve o Senhor. Por isto, é o povo que experimenta a sua liberdade e vive nesta liberdade que Ele dá. A verdadeira liberdade o Senhor a dá sempre. A liberdade do pecado, do egoísmo e todas as suas formas: a liberdade de doar-se e de realizar com alegria, como a Virgem de Nazaré que é livre de si mesma, não se entrega à sua condição – e tinha motivo para fazer! – mas pensa em quem naquele momento tem mais necessidade. É livre na liberdade de Deus, que se realiza no amor. E esta é a liberdade que Deus nos dá, e nós não podemos perdê-la: a liberdade de adorar a Deus, de servir a Deus e servi-lo também nos nossos irmãos. Esta liberdade que, com a graça de Deus, experimentamos na comunidade cristã, quando nos colocamos ao serviço uns dos outros. Sem ciúmes, sem partidos, sem conversas. Servir-nos uns aos outros, servir-nos! Então o Senhor nos liberta das ambições e rivalidades, que minam a unidade da comunhão. Nos liberta da desconfiança, da tristeza – esta tristeza é perigosa, porque nos joga pra baixo, é perigosa, fiquem atentos! Nos liberta do medo, do vazio interior, do isolamento, das lágrimas, dos lamentos. Caríssimos irmãos e irmãs, a Virgem Santa vos sustenta na alegria de servir o Senhor e de caminhar na liberdade que Ele nos deu: na liberdade da adoração, da oração e do serviço aos outros.

Papa Francisco www.divinooleiro.com.br

Novembro 2014

19


MARANATHA “O Espírito e a Noiva Dizem: Vem!” (Apocalipse 22) Encerramos o Ano Clamando: “Vem Senhor Jesus!”

14 de Dezembro | 8h30 CEAR – VILA DO DIVINO OLEIRO GOVERNADOR CELSO RAMOS PARTICIPAÇÃO ESPECIAL: PADRE ALESSANDRO CAMPOS (48) 3025-3750 / (48)3224-6476 / (47) 3360-2344 20

Novembro 2014

www.divinooleiro.com.br

Revista Novembro 2014  

Leia nossa edição online de novembro de 2014.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you