__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1

EDIÇÃO ESPECIAL

MOITA #102 INFORMAÇÃO MUNICIPAL Distribuição Gratuita

COVID-19

maio › 2020


M MOITA

#02

#FIQUEEMCASA JUNTOS VAMOS VIRAR A PÁGINA

MAIO 2020 | INFORMAÇÃO MUNICIPAL | CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA

LINHA DE APOIO INFORMATIVO: 800 102 200 Para garantir a proximidade aos munícipes e combater o isolamento, a Câmara Municipal disponibiliza uma linha de apoio informativo, de chamada gratuita, em funcionamento todos os dias úteis, das 9:00h às 18:00h. Os munícipes poderão também solicitar informações através do endereço: linhaapoioinformativo@cm-moita.pt


#FIQUEEMCASA

JUNTOS VAMOS VIRAR A PÁGINA

MAIO 2020 | INFORMAÇÃO MUNICIPAL | CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA

INFORMAÇÕES ÚTEIS CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA Praça da República, 2864-007 Moita E-mail: cmmoita@mail.cm-moita.pt Telef. geral: 212 806 700 Fax: 212 894 928

#03

M MOITA

VIRAR A PÁGINA

Resolução de avarias Águas/Esgotos: 212890209 Balcão do Munícipe da Baixa da Banheira Rua Jaime Cortesão, n.º 33 2835-129 Baixa da Banheira Tel.: 210 816 970 Balcão do Munícipe da Moita Edifício dos Paços do Concelho, Praça da República – Moita Tel.: 212 806 700 Serviço de Apoio ao Empresário Pavilhão Municipal de Exposições – Moita Tel.:210 816 910 Fax: 210 816 919 ASSEMBLEIA MUNICIPAL Telef.: 210852340 E-mail: gab.org.municipais@mail.cm-moita.pt; presidente.assemb.municipal@mail.cm-moita.pt Presidente da Câmara – RUI GARCIA Administração e Finanças, Administração Urbanística, Informação e Relações Públicas, Auditoria e Qualidade, Informática e Telecomunicações, Apoio Jurídico E-mail: presidente@mail.cm-moita.pt Vice-presidente – DANIEL FIGUEIREDO Cultura, Juventude e Movimento Associativo E-mail: vereador.daniel.figueiredo@mail.cm-moita.pt Vereadora – VIVINA NUNES Educação, Assuntos Sociais e Recursos Humanos E-mail: vivina.nunes@mail.cm-moita.pt Vereador – MIGUEL CANUDO Obras Municipais, Serviços Urbanos, Ambiente e Gabinete Veterinário Municipal E-mail: mcanudo@mail.cm-moita.pt Vereador – LUÍS CHULA Proteção Civil E-mail: lchula@mail.cm-moita.pt Vereador – CARLOS ALBINO E-mail: calbino@mail.cm-moita.pt Vereadora – FILOMENA VENTURA E-mail: fventura@mail.cm-moita.pt Vereador – JOAQUIM RAMINHOS Rede de Balcões do Munícipe E-mail: jraminhos@mail.cm-moita.pt Vereador – LUÍS NASCIMENTO Desenvolvimento Económico E-mail: lnascimento@mail.cm-moia.pt

FICHA TÉCNICA Propriedade e edição: Câmara Municipal da Moita Periodicidade: Bimestral Redação e Fotografia: Gabinete de Informação e Relações Públicas Contactos: CMM – Praça da República, 2864-007 Moita T: 212806715 E-mail:informacao-rpublicas@mail.cm-moita.pt Design: Carlos Jorge Impressão: Empresa Gráfica Funchalense Tiragem: 30.000 exemplares Depósito Legal: 41783/90

RUI GARCIA PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA

Vamos vencer a doença e precisamos também de vencer o medo. Precisamos olhar para lá do Covid, pois trabalhar por um Concelho melhor é o objectivo de hoje e de sempre, sob quaisquer circunstâncias.

Dois meses passados depois da chegada da Covid-19 ao nosso país, estamos agora a regressar à actividade plena, sobretudo na economia e nos serviços. Vai ser um processo lento e progressivo, condicionado por limitações que vão durar por tempo ainda incerto. Vamos ter de nos adaptar, individual e colectivamente, a conviver com esta nova situação, onde a responsabilidade individual é o elemento fundamental: nada nem ninguém substitui a responsabilidade de cada um em proteger-se a si para proteger a todos, adoptando os comportamentos e as medidas de protecção adequadas. Quando sai este Boletim, está em curso a nova fase do chamado desconfinamento, com a reabertura do comércio, o reinício do ensino secundário e, de forma geral, a retoma das actividades em todas as vertentes. Também nos serviços municipais estamos a retomar a actividade plena, embora ainda com bastantes adaptações e limitações, pelo menos até ao final de Maio. Sabemos que o período que passamos deixou atrasos na nossa acção, para o que pedimos à população a compreensão para estas consequências da situação anormal que estamos a viver. Vamos procurar, na medida do possível, repor rapidamente a normalidade. Todos sabemos, no entanto, que este vai ser um Verão diferente de qualquer outro antes. Vamos enfrentar grandes limitações que condicionam ou mesmo impedem a realização de eventos e o usufruto de espaços e equipamentos. Contudo, subsistem ainda dúvidas e indefinições sobre as restrições que vamos ter de assumir, até porque em muito dependem da evolução da pandemia. Por isso, temos, na Câmara Municipal, seguido uma conduta serena de não precipitar decisões, designadamente sobre o cancelamento de actividades. Queríamos ter um Verão normal, vibrante de actividade como o conhecemos no nosso Concelho. Sabemos que não o vamos poder ter. Mas só decidimos sobre o cancelamento de cada evento quando se torna inevitável face à evolução da crise sanitária. Um último aspecto que quero referir relaciona-se já com o pós-Covid. É que a doença vai passar e as necessidades, os anseios e os problemas do Concelho e do país vão cá estar, alguns aliás agravados pela crise económica deixada após a pandemia. Por isso, consideramos que é ainda mais importante concretizar os projectos de investimento que temos vindo a desenvolver. Se até agora se tratava de definir prioridades e agarrar oportunidades de financiamento, para resolver problemas e dar resposta a necessidades, prosseguindo o percurso de qualificação constante do concelho e da qualidade de vida da população, agora é, literalmente, de pão para a boca que se trata. O investimento público, e em concreto o municipal, será vital para a recuperação económica e para o emprego e será o mais decisivo contributo que podemos dar às nossas empresas e à manutenção e criação de postos de trabalho. Também por isso, apesar de algum atraso resultante deste período de redução geral da actividade, estamos determinados em concretizar todos os investimentos previstos e contribuir assim para o estímulo à economia local e nacional. Vamos vencer a doença e precisamos também de vencer o medo. Precisamos olhar para lá do Covid, pois trabalhar por um Concelho melhor é o objectivo de hoje e de sempre, sob quaisquer circunstâncias.

ISSN 0871-5606 DISTRIBUIÇÃO GRATUITA Nota: O autor deste texto não escreve segundo o novo acordo ortográfico.


M MOITA

#04

#FIQUEEMCASA JUNTOS VAMOS VIRAR A PÁGINA

MUNICÍPIO MAIO 2020 | INFORMAÇÃO MUNICIPAL | CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA

DESINFEÇÃO DE ESPAÇOS PÚBLICOS PROSSEGUE EM TODO O CONCELHO

A PAR da manutenção dos serviços essenciais, a área da higiene urbana tem diariamente trabalhadores destacados para esta função. Sete cantoneiros de limpeza, devidamente equipados, pulverizam com o líquido desinfetante as ruas e as zonas de maior concentração de pessoas, como paragens de

Desde o início da pandemia da COVID­19, a Câmara Municipal tem procedido à desinfeção regular de ruas e espaços públicos com maior afluência de pessoas em todo o concelho. autocarro, entradas de estabelecimentos comerciais, contentores e ecopontos. Para as ruas, têm como apoio um trator

equipado com um sistema de pulverização através de mangas de ar, emprestado por um empresário do concelho da

área da produção de leite, com capacidade para 3000l, e duas carrinhas com um pulverizador com 500l de capacidade.

Todos os trabalhadores dos serviços operacionais da Câmara Municipal realizaram o teste de despite para a COVID-19, sendo os resultados negativos SAIBA MAIS...

TESTES DE RASTREIO À COVID-19 EM LARES DE IDOSOS Os testes de rastreio à COVID-19 aos profissionais dos estabelecimentos residenciais de apoio social para idosos e serviços de apoio domiciliário realizaram-se, a 6 de maio, no concelho da Moita, e abrangeram cerca de 300 trabalhadores. Os resultados já são conhecidos, sendo todos negativos. Esta medida da Área Metropolitana de Lisboa (AML), em parceria com o SNS e a Segurança Social, contou, no concelho da Moita, com o apoio da Câmara Municipal. Os testes de rastreio estão a ser realizados, desde o final de abril, em todos os Municípios da AML. Prevê-se que, no final do processo, sejam testados a totalidade dos trabalhadores destes estabelecimentos, num número aproximado de 8 000.

NOVOS SERVIÇOS ONLINE NA ÁREA DA EDUCAÇÃO AS INSCRIÇÕES para a Ação Social Escolar, Prolongamento de Horário para o Ensino Pré-Escolar e Transportes Escolares podem ser formalizadas, desde 4 de maio, através da página dos Serviços Online do Município, em https://servicosonline.cm-moita.pt/. Para efetuar as candidaturas a estes apoios, os encarregados de educação devem registar-se nos Serviços Online, selecionar os serviços na área da educação e preencher os respetivos requerimentos, anexando os documentos necessários. Os encarregados de educação que não tenham acesso a esta ferramenta podem proceder à entrega dos requerimentos, em papel, nos respetivos Agrupamentos de Escola.


MUNICÍPIO MAIO 2020 | INFORMAÇÃO MUNICIPAL | CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA

#FIQUEEMCASA

JUNTOS VAMOS VIRAR A PÁGINA

#05

M MOITA

SAIBA MAIS...

PAVILHÃO DESPORTIVO COM NOVA ILUMINAÇÃO

Após a realização de um estudo luminotécnico, foi instalada iluminação LED no Pavilhão Desportivo Municipal, na Moita, que reduz em 80% o consumo, mantendo o nível luminoso adequado ao espaço e às suas atividades desportivas. Contribuindo para a melhoria ambiental e para a poupança no consumo de energia, a Câmara Municipal investiu, na substituição da iluminação, um valor superior a 6 000 euros. Recorde-se que, no início de 2020, com o objetivo de melhorar as condições para a prática desportiva, a autarquia substituiu o pavimento do Pavilhão Desportivo Municipal e instalou um sistema solar térmico para as águas quentes, mais eficaz do ponto de vista económico e ambiental.

TST RETOMAM ONZE CARREIRAS Os TST retomaram, a 4 de maio, oito carreiras com destino a Lisboa (Gare do Oriente), através da Ponte Vasco da Gama. Estão, neste grupo, as carreiras 333 (Lisboa – Vale da Amoreira), 431 (Lisboa – Montijo), 432 (Atalaia – Lisboa), 435 (Lisboa – Samouco), 453 (Lisboa – São Francisco), 562 (Lisboa – Setúbal), 563 (Lisboa – Setúbal) e 565 (Lisboa – Palmela). As carreiras 302 (Baixa da Banheira – Fogueteiro), 326 (Palmela – Moita) e 416 (Canha – Montijo) completam o conjunto das onze carreiras repostas. Esta medida insere-se na gradual reposição da oferta de transportes públicos na Área Metropolitana de Lisboa, que será continuamente ajustada em função do levantamento gradual das contingências inerentes à pandemia provocada pela Covid-19. Recorde-se que, no início de abril, os TST suspenderam carreiras, facto que levou à aprovação, por unanimidade, em reunião da Câmara Municipal da Moita, de uma Moção que exigia a esta operadora de transporte público a reposição imediata destas carreiras que serviam os utentes do concelho.

LINHA DE APOIO INFORMATIVO ASSEGURA ATENDIMENTOS DIARIAMENTE A LINHA DE APOIO Informativo, lançada pela Câmara Municipal da Moita para garantir a proximidade aos munícipes e combater o isolamento criado pela pandemia da COVID-19, efetuou cerca de 200 atendimentos desde o dia desde 30 de março. Em funcionamento todos os dias úteis, das 9:00h às 18:00h, através do número 800 102 200 (chamada gratuita) e email linhaapoioin-

formativo@cm-moita.pt, a Linha de Apoio pretende ser um canal de comunicação entre o Município e os munícipes. Informar sobre as respostas sociais existentes e as que, entretanto, foram criadas para fazer face à situação de confinamento, em diversas áreas (serviços municipais, saúde, segurança social, atividade económica, entre outras), tem sido uma das funções desta Linha de Apoio

que, em articulação com as juntas de freguesia, facilita a entrega de alimentos, medicamentos e outros bens. Apoiar os idosos, pessoas com doenças crónicas, famílias, munícipes com dificuldades económicas é também o objetivo da criação desta Linha, cuja resposta aos problemas é dada através da articulação próxima com parceiros da Rede Social da Moita.

AÇÕES DE COMUNICAÇÃO PORQUE a informação municipal também é serviço público essencial nesta fase crítica que todos vivemos, as re-

comendações, informações úteis sobre os serviços da autarquia e o comércio local em funcionamento, informação so-

bre as medidas e a atividade municipal têm, nesta altura e de forma mais intensa, chegado aos munícipes através de diversos meios de comunicação. Embora prevalecendo as comunicações online, a autarquia tem produzido conteúdos impressos, como outdoors, cartazes e folhetos, que são distribuídos ou afixados em locais de proximidade – farmácias, comércio local, estações ferroviárias, abrigos de autocarro, centros de saúde, mercados municipais – além do Boletim “Moita Informação Municipal”, distribuído nas caixas do correio. A Maré Cheia – agenda de eventos no concelho da Moita regressou, neste mês de maio, em formato de vídeo. Para receber a newsletter semanal com toda a informação da autarquia, solicite em https://www.cm-moita.pt/.


M MOITA

#06

#FIQUEEMCASA JUNTOS VAMOS VIRAR A PÁGINA

SAIBA MAIS...

CULTURAS MAIO 2020 | INFORMAÇÃO MUNICIPAL | CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA

“O AMANHÃ TEM ARTE”: DESAFIO AOS ARTISTAS DO CONCELHO A Câmara Municipal lançou o desafio aos artistas do concelho e eles responderam com poesia, pintura, dança, música.

CÂMARA PROPÕE VISITAS A EQUIPAMENTOS CULTURAIS A PARTIR DE CASA A Câmara Municipal disponibilizou no seu sítio na internet, em www.cm-moita.pt e no site dedicado à COVID-19, www.comunidadeativa.cm-moita.pt, um conjunto de vídeos que propõe visitas a alguns equipamentos culturais do concelho, a partir de casa. Os vídeos recordam alguns dos espetáculos que deram vida ao Fórum Cultural José Manuel Figueiredo, na Baixa da Banheira, ao Moinho de Maré de Alhos Vedros e ao Centro de Experimentação Artística (CEA), no Vale da Amoreira, equipamentos coletivos inaugurados, em diferentes anos, no dia 25 de Abril - Dia da Liberdade. São ainda referidos dados importantes sobre estes espaços de cultura que aguardam pelo regresso de visitantes, para poder voltar a proporcionar a todos novos e bons momentos de fruição cultural.

“O AMANHÃ TEM ARTE” conta, desde o início do projeto, com mais de 30 publicações. Na literatura, André Consciência, Diamantino Cabrita, Elizabete Moura, José Ramos, Rute Pio Lopes, Maria Eduarda Rosa, Renee Vidal e, nas artes visuais, Deodato de Jesus, Marques Dias, Vítor Cabral, Luiz Mendonça, Ana Rita Correia, Vítor Moinhos, Rui Parreira, Fernanda Gil e Joaquim Gonçalves são alguns dos artistas que, nas redes sociais dos equipamentos culturais e da autarquia (facebook.com/ bmbjc, facebook.com/ favoavedros/, facebook.com/cmmoita, instagram. com/municipiomoita e instagram. com/juventudemoita) partilharam a sua arte. Dignificando o seu papel na partilha de conhecimentos e na promoção de uma cidadania ativa, o Movimento Associativo tem mostrado também o seu potencial na área cultural, através das atuações, publicadas em facebook.com/ mamoita/, da Banda Musical e Charanga do Rosário, Grupo de Danças Antigas ALIUSVETUS, Grupo Coral Alentejano "O Sobreiro", "Os Gaiteiros dos Courelas" do Chão Duro, Companhia de Dança Marina Popova, Professora Ra-

“HISTÓRIAS QUE NOS LIGAM” E “A POESIA CONTINUA” COM MAIS DE 25 MIL VISUALIZAÇÕES OS NOVOS PROJETOS da Câmara Municipal "Histórias que nos Ligam" e “A Poesia Continua” têm, desde o seu início, no final de março, mais de 25 mil visualizações. Os rostos familiares dos leitores das Bibliotecas Municipais da Moita têm contado histórias e recitado poemas através da página em mais de 30 publicações. "Os Esquilos Que Não Sabiam Partilhar", de Rachel Bright e Jim Field, "O Secador

de Livros", de Carla Maia de Almeida e Sebastião Peixoto, "A Fábrica", de José Carlos Ary dos Santos, “Quando a Mãe Grita”, de Jutta Bauer, "Eu não Fui", de Cristian Voltz, "A Formiga Horripilante", de Liz Pichon, "Um Menino Bateu-me à Porta", de Manuela Castro Neves e Ana Granado, "A Greve" de Catarina Sobral, são alguns dos livros e poemas que estão ou vão ser apresentados.

quel Dias de Dança Contemporânea da SFRUA, Grupo Musical "Vozes da Planície" e Associação BB Blues Portugal . O vídeo com o nascer do sol no Mar da

Palha, por Fernando Carvalho Rodrigues, a música de Inês Magalhães e as fotos de Paulo Bolinhas completam esta oferta cultural criativa e livre.


CULTURAS MAIO 2020 | INFORMAÇÃO MUNICIPAL | CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA

#FIQUEEMCASA

JUNTOS VAMOS VIRAR A PÁGINA

#07

M MOITA

SAIBA MAIS...

BIBLIOTECAS MUNICIPAIS – “LIVROS A CIRCULAR As quatro Bibliotecas Municipais do concelho da Moita reiniciaram, a partir de 12 de maio, o empréstimo de livros, CD’s e DVD’s, no âmbito do projeto “Bibliotecas Municipais – Livros a Circular”. Os leitores que pretendam usufruir deste serviço devem contactar, por telefone, as bibliotecas municipais solicitando o(s) documento(s) pretendido(s) ou consultar o catálogo online das Bibliotecas Municipais da Moita, em http://biblioteca.cm-moita.pt/, selecionar e verificar a disponibilidade dos documentos pretendidos. Após esta pesquisa, os leitores deverão enviar um email para catbmmoita@ mail.cm-moita.pt, ou telefonar para Biblioteca da Moita – T. 210 817 040, Biblioteca da Baixa da Banheira – T. 210 888 902, Biblioteca do Vale da Amoreira - T. 212 020 021 ou Biblioteca de Alhos Vedros – T. 212 021 227, indicando nome, número de leitor, título e autor dos documentos pretendidos e contacto telefónico para agendamento do dia e hora em que se deverão dirigir à porta da Biblioteca para levantamento dos documentos que, previamente, serão devidamente higienizados e acondicionados para entrega.

CONCELHO CELEBROU 25 DE ABRIL

Devido ao estado de emergência, este ano, o 25 de Abril não foi comemorado como habitualmente, mas o concelho da Moita não deixou de assinalar, com grande adesão, a Revolução dos Cravos através da cultura, do associativismo e da partilha de memórias. NO DIA 25, às 15:00h, muitos munícipes cantaram, à janela, a canção “Grândola, Vila Morena», de Zeca Afonso, e o Hino Nacional. Na página de facebook do Município da Moita foram publicados mais de uma centena de depoimentos do Movimen-

to Associativo, de Instituições Particulares de Solidariedade Social, das autarquias e de outras entidades que habitualmente marcam presença no "Desfile da Liberdade" do concelho da Moita. “Conversas de Abril” recordaram, pela voz de Adriano Encarnação, Irene En-

carnação, Marcolino Fernandes e Diamantino Patarata, a luta dos resistentes antifascistas. Também nas redes sociais dos equipamentos municipais e do Município a atividade cultural celebrou a Liberdade e a Democracia com a partilha de leituras e vídeos.

SENIORES DESAFIADOS PARA O EXERCÍCIO EMCASA A CÂMARA MUNICIPAL tem incentivado os seniores do concelho para a prática de exercício físico em casa, de modo a manter a atividade e a saúde física e mental. Durante este período de isolamento social, a autarquia tem publicado, na sua página de Facebook (www.facebook.com/cmmoita.pt) e no grupo da UniSem – Universidade Sénior da Moita, às segundas, quartas e sextas-feiras, pequenos vídeos com exercícios de baixa intensidade, de modo a combater os comportamentos sedentários. Esta iniciativa, que tem sido bem acolhida pelos utentes da UNISEM e do programa Movimento Sénior, é desenvolvida pelos técnicos de desporto da Câmara Municipal.


M MOITA

#08

#FIQUEEMCASA JUNTOS VAMOS VIRAR A PÁGINA

SAIBA MAIS...

COMUNIDADE ATIVA MAIO 2020 | INFORMAÇÃO MUNICIPAL | CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA

JORGE PEREIRA LEVA MÚSICA AOS MAIS ISOLADOS

VOLUNTÁRIOS DA AIMD PRESTAM APOIO SOCIAL A recentemente criada Associação Irmos de Mãos Dadas (AIMD) Barreiro e Moita é um exemplo de como a entrega e a generosidade de uns pode fazer a diferença na vida de quem mais precisa. Os voluntários desta associação apoiam idosos da União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira com a entrega gratuita, ao domicílio, de compras domésticas e de farmácia. Note-se que a AMID foi criada com o intuito de dar resposta a problemas de insucesso e abandono escolar e criminalidade juvenil.

SCMAV NA LINHA DA FRENTE NO APOIO À POPULAÇÃO Os cuidados de saúde prestados pelos lares da Santa Casa da Misericórdia de Alhos Vedros e pela Unidade de Cuidados Continuados Integrados Francisco Marques Estaca Júnior são, principalmente agora, uma mais-valia para a comunidade. A instituição tem apostado em divulgar a sua atividade nas redes sociais e apelado aos familiares para manter o contacto com os seus utentes.

“A minha profissão é Artista de Variedades e Comediante e, sabendo trocar trompete, num momento de dificuldade, quis dar um pouco de calor à população da Baixa da Banheira, pelo motivo stressante que é estarmos todos em quarentena”, começa por contar­nos Jorge Pereira, que já perdeu a conta à quantidade de dias que passaram, desde que saiu da sua casa pela primeira vez, logo no início do Estado de Emergência, com a intenção de “levar esperança” e “chegar ao coração” de todos. O tema escolhido para partilhar nas suas incursões noturnas pelas ruas foi o “Avé Maria”, de Schubert. AO SOM das primeiras notas que ecoam nas ruas despidas de gente, ouvem-se os estores e as janelas a abrir. As pessoas assomam-se timidamente para ouvir o “Avé Maria” e aplaudem agradecidas, assim que Jorge Pereira termina de tocar, dizendo “vai ficar tudo bem!”. O músico toca também os “Parabéns” às pessoas que estão confinadas e não podem festejar o seu aniversário como habitualmente. Sem carta de condução, começou por deslocar-se a pé. “Comecei na Baixa da Banheira, fui até ao Barreiro, Quinta da

Lomba, Fidalguinhos, fiz Lavradio, Alhos Vedros”, conta. Mas os pedidos de “atuação” vão chegando às dezenas. “Contactam-me através do Facebook e telefonam para a União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira”, explica Jorge, reforçando que, só com o apoio do presidente da junta da UFBBVA, Nuno Cavaco, consegue chegar a locais mais distantes da sua residência. “Vamos tentando chegar a todos”. Jorge Pereira, que percorreu vários locais do mundo, através da sua atividade artística, dedica ainda o seu dia a dia

a criar sketches cómicos da “Avó Nelinha” que difunde através das redes sociais. Paralelamente, lançou um desafio aos mais novos para a criação de desenhos que serão expostos quando a pandemia terminar. É comerciante, dono de uma retrosaria, na Baixa da Banheira e tem “um coração do tamanho do mundo”, assim o descreve Nuno Cavaco. Cedeu também mais de 200 metros de tecido da sua retrosaria para que as pessoas da Baixa da Banheira possam fazer as suas próprias máscaras reutilizáveis.


COMUNIDADE ATIVA MAIO 2020 | INFORMAÇÃO MUNICIPAL | CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA

#FIQUEEMCASA

JUNTOS VAMOS VIRAR A PÁGINA

#09

M MOITA

SAIBA MAIS...

CÂMARA E JUNTAS DE FREGUESIA OFERECEM MÁSCARAS DE PROTEÇÃO A Câmara Municipal e as juntas de freguesia do concelho da Moita decidiram distribuir máscaras de proteção junto da população, principalmente da população mais carenciada, como forma de sensibilizar as pessoas para o dever de proteção, de si e dos outros, e alertar para o seu uso obrigatório. Para mais informação, contacte a sua junta de freguesia.

COLÉGIO CORTE REAL PARTICIPA NO #ESTUDOEMCASA O DIA 20 DE ABRIL, o dia de estreia das emissões do #EstudoEmCasa, vai ficar certamente na memória de muitas crianças e jovens. Logo a abrir, às 9:00h, coube à professora Isa Gomes, natural da Moita, iniciar a primeira aula de português para os 1ºs e 2ºs anos de escolaridade, que inaugurou o #Estudo em Casa, sob o olhar atento de cerca de 400 mil espetadores, entre alunos, familiares e curiosos. Isa Gomes é professora de 1º ciclo do Ensino Básico no Colégio Corte Real e integra a equipa pedagógica, constituída por mais professores do concelho, que “foi convocada para, com as suas ferramentas de ensinar e fazer aprender, colaborar no combate à pandemia, criando condições para que todos os alunos continuem a ter acesso à educação, através da participação na conceção e operacionalização do projeto #EstudoEmCasa”. Este projeto nacional está a ser coordenado pelo Ministério da Educação, em articulação com a RTP, e tem como destinatários os alunos do 1.º ao 9.º ano de escolaridade. Os blocos pedagógicos que começaram a ser transmitidos através da RTP Memória, a 20 de abril, servem de complemento ao trabalho dos professores, respeitando as aprendizagens essenciais determinadas pelo Ministério da Educação.

APOIO AO BANCO ALIMENTAR CONTRA A FOME DE SETÚBAL A Câmara da Moita aprovou a atribuição de 5 000 euros ao Banco Alimentar Contra a Fome de Setúbal como forma de apoiar a intervenção desta instituição no concelho da Moita, nomeadamente no contexto atual de pandemia que tem conduzido a um abrandamento da economia, a situações de desemprego e lay-off e consequentemente à perda de rendimentos e aumento de pedidos de apoio.

CAIXAS SOLIDÁRIAS ESPALHADAS POR TODO O CONCELHO

“O nosso envolvimento neste projeto está a mobilizar toda a equipa do 1.º ciclo do Ensino Básico do Colégio Corte Real e do Grupo Disciplinar de Educação Física. É um grande desafio e um grande orgulho fazer parte deste restrito leque

de escolas, só possível de assegurar com uma grande equipa, numa experiência inesquecível. Estamos neste projeto, dando o nosso melhor, para que, perto ou longe, a educação continue a ser um direito”, refere ainda o Colégio em comunicado.

Também o concelho da Moita aderiu ao movimento “Caixa Solidária”, um projeto impulsionado pelo fotojornalista Nuno Botelho, divulgado nas redes sociais, que se tem multiplicado um pouco por todo o país para ajudar os mais necessitados, neste tempo de pandemia de COVID-19, com comida e artigos de higiene. As caixas solidárias estão distribuídas em diferentes locais do concelho, com o propósito de que cada um “deixe o que puder e leve o que quiser”.


M MOITA

#10

#FIQUEEMCASA JUNTOS VAMOS VIRAR A PÁGINA

RECOMENDAÇÕES MAIO 2020 | INFORMAÇÃO MUNICIPAL | CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA


NA MINHA FREGUESIA MAIO 2020 | INFORMAÇÃO MUNICIPAL | CÂMARA MUNICIPAL DA MOITA

#FIQUEEMCASA

JUNTOS VAMOS VIRAR A PÁGINA

#11

M MOITA

FREGUESIAS APOIAM POPULAÇÃO E INSTITUIÇÕES Desde o apoio alimentar até à doação de materiais de proteção ou à entrega de medicamentos ao domicílio, são várias as medidas implementadas pelas juntas de freguesia para apoio aos munícipes e agentes sociais na prevenção e combate à COVID­19. Visite as páginas de facebook e sites das juntas de freguesia ou contacte telefonicamente a sua junta de freguesia e saiba mais sobre estes apoios. ALHOS VEDROS A Junta de Freguesia de Alhos Vedros, em conjunto com Pedro Duarte do grupo #3dprinting, entregou viseiras de proteção ao Centro de Saúde de Alhos Vedros e à Santa Casa da Misericórdia de Alhos Vedros. Esta autarquia está também a entregar, ao domicílio, medicamentos hospitalares e fármacos a pessoas com dificuldades de mobilidade e/ou que não possam sair da sua residência. Na sua página de facebook, https://www.facebook.com/JFAlhosVedros/, está disponível informação sobre os estabelecimentos comerciais que estão a trabalhar em regime de take away ou entregas ao domicílio.

BAIXA DA BANHEIRA E VALE DA AMOREIRA Os trabalhadores da União de Freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira (UFBBVA) transportam, regularmente, bens alimentares para as IPSS´s e para as escolas que estão a funcionar. A União de Freguesias adquiriu materiais de proteção individual que foram entregues a Unidades de Saúde, aos Bombeiros, ao Centro Hospitalar Barreiro-Montijo, ao Lar São José Operário e à PSP. As sinalizações de casos de carência económica e financeira, carência alimentar e problemas sociais são direcionadas para as entidades competentes na matéria: rede de IPSS, Segurança Social e PSP. Porém, quando estas entidades não conseguem intervir de imediato, a União de Freguesias entrega cabazes com bens alimentares para auxiliar as famílias nessas condições. Em colaboração com o Centro Hospitalar Barreiro-Montijo, a UFBBVA elaborou um protocolo para entrega de medicamentos da farmácia do hospital a quem não se pode deslocar. Com o início do 3º período letivo, foram vários os pedidos de auxílio de famílias que não têm computador em casa. A União de Freguesias apelou à população para a entrega de computadores, nas instalações da junta que são depois reencaminhados para responsáveis da comunidade educativa que já têm casos de necessidade sinalizados. Na página da União de Freguesias, www.ufbbva.pt, está disponível a lista de estabelecimentos a funcionar nas freguesias da Baixa da Banheira e Vale da Amoreira. De referir que os mercados de levante estão abertos, promovendo-se assim a manutenção da cadeia de distribuição de alimentos frescos à população e em condições de segurança.

MOITA Com o objetivo de proporcionar melhores condições de segurança a funcionários e utentes, a Junta de Freguesia da Moita ofereceu materiais de proteção individual aos lares de idosos e ao Centro de Saúde da Moita. Também foram entregues viseiras aos estabelecimentos comerciais que asseguram o fornecimento de bens à população e atribuído apoio financeiro aos Bombeiros Voluntários da Moita. Na página oficial da junta, https://www.jf-moita.pt/, está também disponível informação sobre os estabelecimentos com take away, a funcionar na freguesia. Esta autarquia tem vindo igualmente a assegurar o transporte de bens alimentares, disponibilizados pelo Banco Alimentar, que são distribuídos à população, através da Conferência Vicentina da Moita, e tem articulado com a Câmara Municipal da Moita, através da Linha de Apoio Informativo, as entregas domiciliárias de alimentos por parte dos estabelecimentos comerciais locais.

GAIO-ROSÁRIO E SARILHOS PEQUENOS É possível solicitar e levantar medicamentos na Junta de Freguesia do Gaio-Rosário. É mais uma medida para evitar muitas deslocações e para simplificar o processo de compra de medicamentos pela população destas freguesias. Os estudantes da freguesia têm apoio com cópias gratuitas para o estudo em casa.


RECOLHA SELETIVA DE RESÍDUOS BIODEGRADÁVEIS MOITA

www.cm-moita.pt

maio › 2020

afechar

A Câmara da Moita vai implementar a recolha seletiva dos resíduos urbanos biodegradáveis (RUB), com um projeto piloto de recolha porta-a-porta de biorresíduos em todas as cantinas escolares do Município e em habitações unifamiliares localizadas em zonas urbanas das freguesias de Alhos Vedros, Moita, Gaio-Rosário e Sarilhos Pequenos. Este projeto, no âmbito da candidatura ao POSEUR – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, além da recolha porta-a-porta, prevê outras ações: conceção e implementação de um modelo de incentivos ao cidadão/produtor, um sistema TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação) para monitorização da recolha seletiva e uma campanha de divulgação e sensibilização junto da população e produtores alvo. Para a sua implementação, serão adquiridas três viaturas de 14m3 de recolha de biorresíduos, 5197 contentores para habitações unifamiliares e 105 contentores para as cantinas escolares.

MUNICÍPIO DA MOITA

NOMEADO EM 5 CATEGORIAS

DAS 7 MARAVILHAS DA CULTURA POPULAR O Município da Moita está a concorrer às 7 Maravilhas da Cultura Popular, em cinco das sete categorias a concurso: Festas em Honra de Nossa Senhora da Boa Viagem, na categoria Festas e Feiras; Pinturas Tradicionais em Embarcações, na categoria Artesanato; Huga Huga, na categoria Músicas e Danças; Romaria a Cavalo Moita – Viana do Alentejo, na categoria Procissões e Romarias; Varino “O Boa Viagem”, na categoria artefactos, em representação das embarcações tradicionais do Tejo e do saber da construção naval em madeira. As candidaturas foram aceites e validadas pelo Conselho Científico do concurso e o Município já recebeu os respetivos selos de nomeado. No total, a organização recebeu 504 candidaturas e foram atribuídos 471 selos de nomeado. Os resultados da avaliação pelo Painel de Especialistas, a 3ª fase do concurso, vão ser conhecidos a 7 de junho, num programa em direto na RTP1. O Painel de Especialistas, composto por

sete elementos de cada um dos 18 distritos e duas regiões autónomas, vai eleger sete patrimónios de cada região, num total de 140 finalistas regionais, que participarão nas respetivas eliminatórias regionais. A 7 de junho, serão igualmente divulgadas as próximas etapas do concurso que estão neste momento condicionadas à evolução da pandemia. Com esta candidatura, o Município pretende valorizar e divulgar as tradições populares do concelho, assim como afirmar o projeto Moita Património do Tejo. Depois da História, Natureza, Gastronomia, Praias, Aldeias, da Mesa e dos Doces, a estação pública de televisão vai assim eleger, em 2020, as 7 Maravilhas da Cultura Popular de Portugal, de modo a promover o Património Cultural Imaterial do país e a importância da cultura popular e da sua autenticidade para a promoção do território.

Profile for Município da Moita

Moita - Informação Municipal #102 - maio de 2020  

Moita - Informação Municipal #102 - maio de 2020  

Advertisement