Page 1

Órgão Oficial da Diocese de São José dos Campos • Ano XXI • Dezembro de 2013 • N0 341 DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

jexpress@diocesesjc.org.br | www.diocesesjc.org.br Arquivo - JE

Primeira Exortação Apostólica do papa Francisco

“A alegria do evangelho enche o coração e a vida inteira daqueles que se encontram com Jesus.”

›› Palavra da Igreja

›› Em obras

Capela e Relicário do Padre Rodolfo estão em reforma. Página 9

Padre Djalma Lopes Siqueira traça a trajetória da “Nova Evangelização”. Página 3

›› Novos seminaristas

Conheça os 12 admitidos no Seminário Propedêutico. Página 4

›› Vestibular 2014

Inscrições abertas para o Vestibular na Faculdade Católica-SJC. Página 6


2 | EXPRESSÃO | Dezembro

Editorial

Celebrar o verdadeiro Natal

Caminho Pós-Sinodal

Comunidade de comunidades: uma nova paróquia Desafios no âmbito da pessoa

A

A palavra natal significa simplesmente nascimento. Portanto, a festa do Natal que acontece todo ano é a celebração de um nascimento, o de Jesus, o Filho de Deus, que se encarnou e veio viver no meio da humanidade para trazer-lhe salvação. Assim sendo, celebrar o Natal é encontrar-se com Jesus Cristo para redescobrir que n’Ele se revela o amor de Deus por todos os homens e mulheres. É encantar-se com seu modo de vida, comprometer-se com seus ensinamentos e esforçar-se por praticar seus gestos a fim de que a salvação que Ele trouxe se realize em todos. Infelizmente, fala-se hoje do Natal como a festa da magia, do Papai Noel, da árvore, dos presentes, das ofertas, das comidas especiais e por aí afora, mas Jesus não é lembrado como o motivo desta festa. Aquelas realidades que a mentalidade materialista coloca como protagonistas do Natal, na verdade são símbolos que ilustram o seu significado, mas não podem ocupar o lugar d’Aquele que é a realidade expressada por elas. Os cristãos não podem permitir que o Natal seja desvirtuado de seu verdadeiro significado, empenhando-se fervorosa e seriamente em resgatar o seu sentido original: alegria, união, paz, luz, fraternidade, encontro familiar, festa... Tudo por causa de Jesus. Os verdadeiros símbolos natalinos, que devem figurar entre os cristãos, tais como a imagem do Menino Jesus, o presépio, a simplicidade, a partilha, a atenção aos mais pobres, a alegria, a reconciliação, o perdão, a união familiar devem ser preservados e incentivados... Não existiria Natal, se Jesus não tivesse nascido como Salvador da humanidade. Não existirá verdadeiro Natal se não nos voltarmos para Jesus e para tudo aquilo que Ele oferece para renovar a humanidade. Façamos o Natal acontecer verdadeiramente em nossa experiência pessoal e comunitária. Transbordemos de alegria verdadeira e mostremos a todos a sua fonte: Jesus Cristo.

modernidade valoriza de modo particular o sujeito, fazendo com que cresça a sua responsabilidade em construir sua personalidade e plasmar sua identidade social. Contudo, essa postura, muitas vezes, fortalece o individualismo que enfraquece os vínculos comunitários e leva à perda da identidade, desvinculando a pessoa do grupo, da tradição e até da paróquia. Em semelhante situação, a fé é vivida de modo não institucional e sem comunidade, mais ligada aos interesses de cada pessoa. Isso torna difícil a vivência cristã paroquial, porque as pessoas se recusam a participar da vida comunitária e esperam resultados imediatos da religião. Como consequência disso temos um Intimismo religioso, isto é, a vivência religiosa de modo quase que exclusivamente pessoal, com acento emotivo e que compromete a vida comunitária. Para ajudar, temos ainda a difusão de uma vivência religiosa midiática (através dos meios de comunicação) que torna menos importante o encontro presencial das pessoas que partilham a mesma fé. Muitas experiências visam ao sentimentalismo e ao bem-estar. Há quem viva sua religiosidade frequentando templos sem nenhum compromisso com a fraternidade e outros que se conectam apenas pelos meios de comunicação. Surge um discurso em que predominam as propostas de felicidade, de realização e sucesso pessoal, em detrimento do bem comum e da solidariedade, presente dentro e fora da Igreja católica. Muitos batizados na Igreja Católica também são seduzidos por esse modo de comportamento religioso e vivem procurando soluções imediatas para seus problemas. A situação agrava-se quando o individualismo faz com que se rejeite valores herdados da fé e se crie novos valores, que na verdade são expressão dos arbitrários direitos individuais, que a todo custo devem ser atendidos. Com tudo isso cresce a indiferença pelo outro e a dificuldade de planejar o futuro. O que conta para muitas pessoas é viver o aqui e o agora. As novas gerações são as mais afetadas por essa cultura imediatista, individualista e consumista. Tal comportamento está

gerando novos sujeitos com variados estilos de vida e novas maneiras de pensar e de se relacionar, que são os produtores e os atores de uma nova cultura. É com esse tipo de público que lidamos em nossas comunidades. Conhecê-lo é importante, mas é preciso também saber como abordá-lo e, mais ainda, como apresentar-lhe a proposta do Evangelho de modo que entendam e queiram assumi-la. A mentalidade individualista fragiliza, em primeiro lugar, a família. Outrora formada por um homem e uma mulher, hoje confronta-se com outras formas de convivência. Surgem cada vez mais políticas públicas que nem sempre respeitam a célula fundamental da sociedade que é a família. Há muitos casais que têm dificuldade de se unirem na fidelidade e no amor, pelo sacramento do matrimônio e apregoam que o mais importante é ser feliz sem pensar nos demais: amor sem compromisso. Em nossas paróquias participam membros desses novos formatos de família: pessoas unidas só no civil, casais de segunda união, pessoas sozinhas que sustentam os filhos, avós que criam os netos ou tios que cuidam dos sobrinhos, crianças adotadas por pessoas solteiras ou por pessoas do mesmo sexo que vivem em união estável. Evidentemente é preciso acolher a todos com amor. Sem esquecer os ensinamentos cristãos sobre a família é preciso ter misericórdia. Infelizmente há quem tenha se afastado da comunidade paroquial por se sentir rejeitado ou porque a primeira orientação recebida foi baseada em proibições e não no acolhimento com a proposta de uma vivência da fé compatível com sua dificuldade. Na renovação paroquial a questão familiar exige conversão pessoal e pastoral. Tanto as pessoas singulares quanto as pastorais, movimentos e organismos devem ter nova mentalidade em relação à família e suas novas configurações para ajudar e não atrapalhar a inserção de seus membros na caminhada comunitária da fé. Não se pode perder nada do que a Igreja ensina e nem inventar aquilo que Ela não pensa, para que se possa atender pastoralmente as novas situações familiares. Pe. Edinei Evaldo Batista

Coordenador Diocesano de Pastoral

Faça download do Documento Conclusivo do Sínodo - www.sinododiocesano.com.br

›› Rede de comunicadores - Envie sua notícia! Fale com o Expressão 3928-3929 ou 3928-3926, com Ana Lúcia e Pedro, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

Fundação Sagrada Família - Publicação Mensal da Diocese de São José dos Campos Administrador Diocesano: Pe. Djalma Lopes de Siqueira • Supervisão Geral: Pe. Edinei Evaldo Batista • Jornalista Responsável: Ana Lúcia Zombardi - MTB 28.496 • Revisão: Diácono José Aparecido de Oliveira Pe. Rogério Félix, Pe. Eduardo Fraga, Leila Harume, Regina Araújo, Pe. Messias Rocikns, Leandro – Paróquia Espírito Santo, PASCOM, RECOP e Secretários Paroquiais, Pedro Luvizotto (Departamento Diocesano de Comunicação). Diagramação: AB&G Comunicação e Marketing Ltda. Tiragem: 20 mil exemplares Impressão: Gráfica Katu • Redação e Publicidade: Pça. Monsenhor Ascânio Brandão, 01 - Jd. São Dimas - São José dos Campos - CEP 12245-440 • Tel.: (12) 3928-3929 – e-mail: jexpress@diocesesjc.org.br Se você identificar alguma informação errada ou falta de dados, escreva para a redação do Jornal Expressão ou envie um e-mail. Mande também suas críticas, comentários e sugestões. As matérias assinadas e opiniões expressas são de responsabilidade de seus autores. Edição concluída em 04 de dezembro de 2013.

Para tornar o conteúdo deste veículo mais abrangente, o Jornal Expressão precisa da sua participação enviando sugestões e notícias da sua paróquia. Você, agente da PASCOM ou da RECOP (Rede de Comunicadores Paroquiais e Pastorais), auxilie os coordenadores das pastorais, movimentos e espiritualidades de sua paróquia para que lhe deem informações para que você as encaminhe para a Redação do Jornal Expressão. Fique atento também às atividades de sua paróquia. Festas, Solenidades, Retiros, Encontros,

›› Aviso

Formações, Cursos, Shows podem ser divulgados na nossa Agenda. Você pode enviar também fotos e as artes dos cartazes dos eventos, com alta resolução. As informações recebidas vão ser colocadas na pauta e podem ser selecionadas e passar por correções e ajustes. QUANDO E COMO ENVIAR SUA INFORMAÇÃO: As informações têm que chegar à Redação até o DIA 20.

Mande por e-mail: jexpress@diocesesjc.org. br - Ligue: 12 3928-3929 Pessoalmente: Pça. Monsenhor Ascânio Brandão, 01 – Jd. São Dimas – São José dos Campos Site da Diocese: www.diocesesjc.org.br e Redes Sociais – Envie sua notícia! Envie seu cartaz, texto, foto e sugestão para ser divulgado no site da Diocese de São José dos Campos e nas Redes Sociais. Fale com o Pedro Luvizotto. Mande por e-mail: pedro@diocesesjc.org.br Ligue: 12 3928-3926

O Jornal Expressão é distribuído GRATUITAMENTE nas paróquias da Diocese de São José dos Campos. Não pode ser vendido e não possui nenhum representante para arrecadar fundos para publicidade, assinaturas ou outra contribuição.


Dezembro | EXPRESSÃO | 3

Mensagem do administrador diocesano

A Nova Evangelização do seus inícios à Evangelii Gaudium O programa do pontificado do beato João Paulo II

Djalma Lopes Siqueira * Padre Administrador Diocesano

A

nova evangelização já foi definida como o programa fundamental do pontificado do Papa João Paulo II. O discurso mais conhecido, que ficou como um marco histórico da proposta da nova evangelização, foi o que o Papa João Paulo II fez na XIX Assembleia do CELAM, em Puerto Príncipe, no Haiti, em 1983. Neste discurso, o Papa sugeriu, como preparação para a celebração dos 500 anos de evangelização da Amé-

rica Latina, uma nova evangelização que fosse também nova em seu ardor, em seus métodos e em sua expressão. Desde esta data, a expressão foi repetida pelo Papa, em várias ocasiões no continente, sendo estendida para a Igreja universal a partir de 1985. Mas com a morte do Papa João Paulo II, um risco muito sério que a Igreja corria era de considerar a nova evangelização como algo específico do seu pontificado, sem considerar que a sua intuição profética devia ter um alcance que ultrapassasse o seu pontificado. Assim, ela seria uma mera onda eclesial, que passaria sem realizar o propósito de Deus, que é um novo impulso na Igreja, com uma positiva e duradoura repercussão no mundo.

A Continuidade no pontificado do Papa Bento XVI Felizmente o Papa Bento XVI expressou uma consciência ampla e duradoura da nova evangelização. Por isso ao invés de elaborar um programa novo, reiterou a necessidade de dar sequência a este projeto criando o Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização e convocando um Sínodo para o ano de 2012, com o objetivo de refletir sobre este tema. Além disso o Papa denunciando tantas vezes a ditadura do relativismo e convidando a Igreja para refletir sobre a fé, deu amostras de que o desafio apontado pelo Papa João Paulo II continuava muito atual. Neste sentido a nova evangelização, conforme a própria expressão exige, é uma proposta pastoral

em contínuo dinamismo. O seu crescimento não se dá só em nível geográfico, como foi a sua ampliação da América Latina para o mundo, mas também nas suas formulações. Um nível mais imediato, permanente e prioritário é um esforço em vitalizar a ação evangelizadora para aqueles que a receberam de modo insuficiente. Mas a nova evangelização se constitui também como uma proposta ampla que abarca todas as dimensões da vida da Igreja. O Papa Francisco, testemunho de alegria em evangelizar Desde início do pontificado, ficou claro que o Papa Francisco deseja motivar a Igreja, para que ela tenha muita audácia para cumprir a ordem de Cristo. As suas mensagens deixam

entrever uma Igreja voltada para os afastados e em permanente estado de missão. Ao escolher as palavras evangelii gaudium, como nome da sua primeira exortação apostólica, o Papa destaca a sublimidade da tarefa evangelizadora que enche de alegria o coração daquele que sabe assumir esta causa. Nesta exortação, o Papa além de ter podido contar com as intuições do Sínodo da Nova Evangelização, acrescentou muitos outros elementos, oferecendo a Igreja uma exortação muito rica e ampla. Já tivemos documentos muito sólidos sobre a ação evangelizadora, mas nesta exortação o Papa aborda temas novos com o objetivo de responder as novas questões que a pós-modernidade apresenta.

“Alegria do Evangelho”, primeira Exortação Apostólica do papa Francisco Divulgada no dia 26 de novembro, a Exortação Apostólica Evangelii Gaudium (Alegria do Evangelho) é a primeira do pontificado do papa Francisco. O documento já havia sido entregue, de forma simbólica durante a celebração de encerramento do ano da Fé. “A alegria do evangelho enche o coração e a vida inteira daqueles que se encontram com Jesus”: assim inicia a Exortação Apostólica Evangelii Gaudium com a qual o papa Francisco desenvolve o tema do anúncio do Evangelho no mundo

de hoje, apresentando também a contribuição dos trabalhos do Sínodo realizado no Vaticano de 7 a 28 de outubro de 2012, com o tema “A nova evangelização para a transmissão da fé”. No texto, o papa Francisco propõe “algumas diretrizes que possam encorajar e orientar, em toda a Igreja, uma nova etapa evangelizadora, cheia de ardor e dinamismo”. O pontífice toma como base a doutrina da Constituição dogmática Lumen Gentium, e aborda, entre outros pontos, a transformação da

Igreja missionária, as tentações dos agentes pastorais, a preparação da homilia, a inclusão social dos pobres e as motivações espirituais para o compromisso missionário. A Exortação Apostólica é dividida em cinco capítulos, e já foi lançada em português por diversas editoras católicas e pode ser lida ou baixada na internet. Está disponível no site do Vaticano e também no site da Diocese de São José dos Campos (http://www.diocese-sjc.org.br/ exortacao-apostolica-evangelii-gaudium/).


4 | EXPRESSÃO | Dezembro

Diocese recebe novos seminaristas

Em 2014, 12 jovens ingressam no Seminário Propedêutico. O Jornal Expressão apresenta cada um, seu nome, idade e suas paróquias de origem. Cada um também registrou em um pequeno texto ou em uma frase, como foi a experiência do chamado para a vocação sacerdotal:

PAPA NO TWITTER Papa Francisco@Pontifex_pt

Adriano Aparecido dos Santos 23 anos, Paróquia São Bento – SJCampos. “Sou chamado a dar mais um passo na minha fé, a mergulhar nas águas mais profundas, a ir além de mim, a trilhar os caminhos que Deus e Nossa Senhora querem para mim. Que seja feita a vontade d’Eles na vida de nós, propedeutas, que nos formem, nos guiem, nos moldem e nos converta cada vez mais. Peço orações de todos pelas vocações, sacerdotais, religiosas, matrimonias, laicais e que Deus e Nossa Senhora suscite vocações santas!”

Bruno Batista Aguiar 25 anos, Paróquia Coração Eucarístico de Jesus – SJCampos. “Vocação é um chamado de Deus e toda vocação requer uma resposta. Para respondermos temos que silenciar, para poder ouvir o que o Senhor nós convida nesse momento vocacional. E o que mais me ajudou foi silenciar para escutar a voz de Deus e aprender com o meu pároco, padre Vicente, e os padres que estiveram no retiro para nos ajudar e incentivar a saber discernir qual a vontade de Deus para cada um. Nós vivemos numa comunidade, se nós não recorremos à ajuda tanto dos padres que já passaram por esse momento, como a dos amigos, nunca conseguiremos discernir este chamado, pois o próprio Deus se manifesta na vida deles, para iluminar a nossa.”

Giusepe Matheus Magalhães 22 anos, Paróquia Santa Branca – Santa Branca. “Eis-me aqui, envia -me Senhor” (Is 6,8)

Ricardo da Silva Calisto 33 anos, Paróquia Nossa Senhora de LourdesSJCampos. “Amar e servir”

Marcelino Heitor 17 anos, Paróquia Catedral São Dimas – SJCampos. “Digo o meu sim hoje e que Deus me ajude a dizer o meu sim amanhã.”

Rodolfo Pereira Pinto 21 anos, Paróquia Nossa Senhora de Lourdes “Deus não escolhe os capacitados, mas capacita os escolhidos.”

Matheus Torres da Silva 19 anos, Paróquia Nossa Senhora de Fátima Jd. Oriente - SJCampos. “Vocação é serviço, é doação, é experiência profunda de Deus em nossa vida, é a maneira que eu encontrei para melhor amar a Deus e as pessoas. “

Marcelo Ferreira da Costa 36 anos, Paróquia São José Operário – SJCampos. “Vocação é o chamado que Deus faz a nós, para fazermos parte de teu Corpo Místico que é a Santa Igreja, e morrendo para nossas vontades e caprichos, servindo o Nosso Senhor Jesus Cristo na pessoa de cada irmão.”

23 de novembro de 2013

Destinação Pastoral dos Seminaristas em 2014 Mateus Granato Theodoro 29 anos, Paróquia Nossa Senhora do Rosário - SJCampos. “Te agradeço Jesus por essa nova etapa de minha vida. Santa mãe Deus, rogai por nós.”

Gustavo Rigueira Silva 17 anos, Paróquia Santa Inês – SJCampos. “Senti o chamado justamente nos encontros vocacionais. Foi algo simples, porém este “Vem e segue-me” de Jesus se tornou algo precioso em minha vida. Estou muito feliz em ver este chamado se concretizando com minha entrada no propedêutico!”

Os Sacramentos são a presença de Jesus Cristo em nós. Por isso, é importante confessar-se e receber a Comunhão.

Robert José Ribeiro 24 anos, Paróquia São José Operário SJCampos. “Minha vocação nasceu na família através dos meus avós e foi amadurecendo na comunidade e no meu coração uma vontade cada vez maior de apresentar Jesus para quem não o conhece. Como vou fazer isso, então Jesus vem e diz: “preciso apenas que você me empreste seu rosto para sorrir. Suas mãos para trabalhar, seus dons para partilhar”. Senhor aqui estou!”

Damião Araújo Gomes 23 anos, Paróquia Santa Luzia - SJCampos. “Meu despertar para ser padre nasceu de uma experiência que tive em uma quinta-feira de Adoração diante de Jesus Eucarístico. Senti-me muito feliz e disse meu sim com liberdade e alegria no coração. Por que quero ser padre? Pelo Reino de Deus, porque o mundo precisa da Eucaristia, porque quero estar presente na vida dos pobres e sofredores, levando Jesus Cristo e porque o mundo precisa de padres.”

• Ano Pastoral Alexandre: Paróquia Santa Teresinha – Pe. Edinei Eduardo: Paróquia Santa Rita de Cássia – Pe. Magela • Região Pastoral I Catedral de São Dimas – Luis Gustavo e Gustavo Rigueira Paróquia São João Bosco – Ricardo (filosofia) • Região Pastoral II Paróquia Nossa Senhora de Fátima – Willian Natal Paróquia Nossa Senhora do Bonsucesso – Ricardo Calisto • Região Pastoral III Santuário São Judas Tadeu – Junior Paróquia São Sebastião – Adriano Paróquia Noss a Senhora do Rosário – Rodolfo Paróquia São Benedito (Galo Branco) – Luis Henrique e Marcelo • Região Pastoral IV Paróquia Coração Eucarístico de Jesus – Matheus Granato e Robert Paróquia N.S. da Soledade – Gustavo Munhoz Paróquia Santa Inês – Fernando • Região Pastoral V Paróquia Santa Teresa do Menino Jesus – Giusepe Paróquia Coração de Jesus – André e Matheus Torres Paróquia Nossa Senhora Aparecida – Rogério e Bruno Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro – Willian César • Região Pastoral VI Paróquia N. S. da Santíssima Trindade – Daniel e Marcelino Paróquia Santa Cecília – Damião Paróquia Santa Branca – Juliano Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe – Élio Rubens Paróquia São José Operário – Everton • Região Pastoral VII Paróquia São Francisco de Assis – Paulo Paróquia Imaculada Conceição – André Romeiro Paróquia São Silvestre – Jonathan (teologia) Par óquia Nossa Senhora do Patrocínio – Washington • Organismos Diocesanos CEBs - Alexandre Pastoral Vocacional – Eduardo Animação Bíblico-Catequética – Everton Pastoral Familiar – Luis Gustavo Pastoral da Saúde – Daniel Comissão para a Liturgia – Paulo Pastoral da Criança – Jonathan Comissão Sócio-Política – Washington Defesa da Vida – Willian Setor Juventude – Rogerio


Dezembro | EXPRESSÃO | 5

Paróquias em festa Jubileu de Prata Paróquia N. Sra. do Rosário A Paróquia Nossa Senhora do Rosário, na Vila Tesouro, em São José dos Campos celebra em dezembro 25 anos de história e para comemorar essa importante data preparou uma programação intensa durante todo o mês. Confira e participe. 07/12 (sáb) - Jubileu dos Enfermos e Idosos com Pe. Eduardo Fraga e Silva Horário: 10h00 08/12 (dom.) - Jubileu dos Fundadores e Religiosas com Cardeal Dom Eusébio Oscar Scheid (Arcebispo Emérito do RJ) Horário: 19h30 09/12 (2ª-feira) - Jubileu dos Agentes Pastorais com Dom Nelson Westrupp (Bispo de Santo André) Horário: 19h30 10/12(3ª-feira) - Jubileu dos Padres, Diáconos, e seminaristas com Pe. Djalma Lopes Siqueira e concelebração dos padres da RP 3. Horário: 19h30 11/12 (4ª-feira) - Jubileu das Famílias com Cardeal Dom Raymundo Damasceno Assis (Arcebispo de Aparecida e Presidente da CNBB) Horário: 19h30 12/12 (5ª-feira) - Jubileu das Crianças com Dom Vilson Dias de Oliveira (Bispo de Limeira) Horário: 19h30 13/12 (6ª-feira) - Jubileu dos Voluntários da Obra Social com Dom José Carlos Chacorowski (Bispo de Caraguatatuba) Horário: 19h30 14/12 (sáb) - Jubileu dos Jovens - Dom Carmo João Rhoden (Bispo de Taubaté) Horário: 19h30 15/12 (dom) - Jubileu dos Comerciantes Colaboradores com Pe. Domingos Sávio da Silva (Reitor do Santuário Nacional de Aparecida ) Horário: 19h30 16/12 (2ª-feira) - Jubileu dos Funcionários com Dom Sérgio de Deus Borges (Bispo Auxiliar de São Paulo) Horário: 19h30

17/12 (3ª-feira) - Solenidade Jubilar 08h – Oração das Laudes 09h - Café da Manhã Comunitário 14h - Adoração ao Santíssimo Sacramento 19h30 - Missa Solene com coroação e consagração à N. S. Rosário. Programação Social 06 a 22/12 - Exposição fotográfica: “25 Anos de Vida e História”na Obra Social N. S. Rosário. 06/12 (6ª-feira) - Concerto do Jubileu com Coral Tesouro Vocalis às 20h30 na Igreja N. S. Rosário. 07/12 (sáb) - Carreata às 15h com início na Igreja N. Sra. do Rosário. Baile do Jubileu às 23h no Luso Brasileiro com a Banda Orfeu. Venda antecipada de ingressos. 14/12 (sáb) - Dia da Comunidade. Passeio Ciclístico às 09h e recreação e gincana entre as pastorais, movimentos e setores. 17/12 (3ª-feira) – Show às 21h30 no pátio da Igreja com JAIR RODRIGUES. Queima de fogos às 23h. 20/12 (6ª-feira) - Concerto de Natal às 20h30 com Coral Tesouro Vocalis na Igreja N. S. Rosário. 21/12 (sáb) - Sorteio da Ação Beneficente - 25 anos 25 Prêmios às 21h. 22/12 (dom) - Missa de encerramento do Jubileu às 19h30. A Paróquia Nossa Senhora do Rosário fica na Pça. Assis Chateaubriand, 279 - Vila Tesouro em SJCampos. Informações: (12) 3912-8812 / paroquiarosario@diocesesjc.org.br Novena e Festa de N. Sra. de Guadalupe – Jacareí A Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe comemora a padroeira com novena de 06 a 14 de dezembro com missas de segunda a sexta-feira às 19h30 e aos sábado e domingo às 19h. Confira a programação com os padres convidados e participe. Dia 06/12 - Pe. Rogério Augusto das Neves Dia 07/12 - Pe. Alexsandro de Brito Ramos Dia 08/12 - Pe. João Alves da Silva Sobrinho

Dia 09/12 - Pe. Fabiano Kleber Cavalcante do Amaral Dia 10/12 - Pe. Lindomar Francisco Ferreira Dia 11/12 - Pe. Edinei Evaldo Batista Dia 12/12 - Pe. Rinaldo Roberto de Resende Dia 13/12 - Pe. Benedito Paulo de Carvalho Dia 14/12 - Pe. Lucas Rosa da Silva Dia da Festa – 15/12 Procissão às 17h na com concentração na Pça. Benedito Nilo Caetano. A missa será em seguida da procissão na Igreja. Celebrante: Pe. Rodolfo José Barbosa. A Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe fica na Rua Emídio P. de Mesquita, 268, no Jd. das Indústrias, em Jacareí. Informações: (12) 3958-4415 / www.paroquiaguadalupejacarei.com.br Tríduo e Festa do Padroeiro Paróquia São Silvestre A Paróquia São Silvestre realiza de 27 a 29 de dezembro o tríduo em louvor ao padroeiro com o tema: “Com São Silvestre testemunhamos a Fé na sociedade, na família e na comunidade”. Confira a programação: Dia 27 de dezembro (6ª-feira) Horário: 19h30 Presidente: Pe. Mario Teodoro Após missa venda de pastel e refrigerante. Dia 28 de dezembro (sábado) Horário: 19h30 Presidente: Pe. Djalma Lopes Siqueira Após a missa Noite da Pizza e Bingo Beneficente. Dia 29 de dezembro (domingo) Horário: 18h Presidente: Pe. Mario Teodoro Após a missa quermesse no pátio da Igreja com desfile e concurso do Mister e Miss São Silvestre com coroação e entrega da faixa A Matriz São Silvestre fica na Rua Benedita Miragaia Tolosa, 05 - Vila Garcia, no Distrito de São Silvestre, em Jacareí. Informações: (12) 3957-1124 / faleconosco@ paroquiasaosilvestre.org.br / www.paroquiasaosilvestre.org.br

Agende-se Missa pelos 64 anos de falecimento de Pe. Rodolfo Komórek Celebrando os 64 anos da morte do Venerável Padre Rodolfo Komórek, acontecerá no dia 11 de dezembro, quarta-feira, a missa na Capela Sagrado Coração de Jesus, no interior do Parque Vicentina Aranha, em São José dos Campos. A capela do Vicentina Aranha é um dos locais onde padre Rodolfo presidia missas quando estava em São José para se tratar da tuberculose. No parque é possível visitar o quarto onde o venerável viveu de 25 de novembro a 11 de dezembro de 1949. Dia: 11 de dezembro Horário: 18h00 Presidente: Pe. José Roberto Fortes Palau Local: Capela Sagrado Coração de Jesus, no Pq. Vicentina Aranha (Rua Prudente M. Moraes, 302 - Vila Adyana – SJCampos)

Informações: padrerodolfokomorek@ gmail.com / www.padrerodolfokomorek. blogspot.com Retiro na Casa de Oração Cura D’Ars Retiro Espiritual com o mestre São João da Cruz, de 13 a 15 de dezembro. Orientador: Frei Rothmans Darles de Campos. Informações e inscrições: (12) 3921-9719 / casadeoracaocuradars@yahoo.com.br Casa de Retiro Cura D´Ars - Estrada do Jaguari, 11500, Bairro do Jaguari, em São José dos Campos - SP. Semana Vocacional – Paróquia N. Sra. de Lourdes Em comemoração ao Jubileu de Prata de seu pároco, padre João Luiz e da Ordenação Presbiteral do Diác. Cleuber, a Paróquia N. Sra. de Lourdes celebra a Semana Vocacional. Confira os eventos e horários

e participe. 10/12 (3ª-feira) - Jubileu de Prata do Pe. João Luiz. Missa às 19h30 11/12 (4ª-feira) - Abertura do Tríduo nos setores missionários às 19h30 12/12 (5ª-feira) - Missa às 19h30 na Paróquia N. Sra. de Lourdes 13/12 (6ª-feira) - Missa às 19h30 na Paróquia N. Sra. de Lourdes 14/12 (sáb) - Ordenação presbiteral - Diác. Cleuber Alves da Silva, scj. Horário: 17h Arcebispo ordenante: Dom Moacir Silva Local: Paróquia N. Sra. de Lourdes 15/12 (dom) - Primeira Missa às 11h, na Paróquia N. Sra. de Lourdes A Paróquia Nossa Senhora de Lourdes fica na Rua dos Palmares, 895, no Parque Industrial em São José dos Campos. Informações: (12) 3931-1611 / www. paroquiadelourdes.org.br


6 | EXPRESSÃO | Dezembro

Serviço ›› Móveis Doe seu móvel usado A Cáritas Diocesana aceita doações de móveis usados – sofás, poltronas, cadeiras, camas – eletrodomésticos em bom estado. Ligue e agende a retirada da sua doação na Cáritas Diocesana, tel.: 3911-3225.

de idoso ou babá pode consultar o cadastro do Serviço Social da Catedral São Dimas. A consulta deve ser feita pessoalmente, de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h, com Célia. A Sala do Serviço Social, fica junto à Igreja, na Praça Mons. Ascânio Brandão, 01, São Dimas, em São José dos Campos.

›› Serviço Capelania Hospitalar A Capelania Hospitalar “Thalita Kum” da Diocese de São José dos Campos possui um espaço para aproximar os atendentes hospitalares com os fiéis e enfermos. No site você pode encontrar reflexões diárias, deixar seus pedidos de oração, além de conhecer a equipe da capelania com os hospitais assistidos e assistentes e também as atividades realizadas assim como os horários e locais de atendimentos. Viste o site: www.capelaniahospitalarcatolica.com

Colabore Projeto Óleo Vale Criado em 2009, o projeto Óleo Vale faz a coleta do óleo a ser reciclado em bares, restaurantes, estabelecimentos comerciais, residências e indústrias da região do Vale do Paraíba. O óleo recolhido passa por um sistema de filtragem, aquecimento e limpeza, um avançado sistema de filtragem, passa pela separação de água e óleo e então o óleo com 99,9% de pureza. E depois vendido para indústrias de biodiesel gerando renda para os cooperados. Para seguir adiante, o projeto conta com o apoio da sociedade. Ajude alcançar a meta. Saiba como doar o óleo de cozinha usado – (12) 3431-1702 / coopsv@bol.com.br

Empregadas domésticas, cuidadores de idosos e babás Quem está à procura de uma empregada doméstica, cuidador

Empregadas domésticas e babás Quem está à procura de uma empregada doméstica ou babá pode consultar os cadastros do Serviço Social da Paróquia Sagrada Família (Vila Ema). A consulta deve ser feita pessoalmente, de terça a sexta-feira, das 8h30 às 11h e das 14h30 às 17h. A Sala do Serviço Social, fica junto à Igreja, na Rua Padre Rodolfo, 28, Vila Ema, em São José dos Campos. ›› Vida Nova Filhos no céu Para os pais que querem andar no caminho da fé e esperança, em perfeita comunhão e alegria, com os filhos que os precederam na eternidade. O Grupo se reúne no terceiro domingo de cada mês, às 15h, iniciando-se com a Santa Missa, seguida da reunião de reflexão, na Capela do Hospital Antoninho da Rocha Marmo, em São José dos Campos. Mais informações e reflexões no blog www.filhosnoceu.org.br. Missa de São Peregrino Proteção para pessoas em tratamento contra o câncer e curadas

Faculdade Católica de São José dos Campos Vestibular 2014 Em 2014, São José dos Campos ganha mais uma Instituição de Educação Superior: a Faculdade Católica de São José dos Campos (CATÓLICA-SJC), que irá oferecer o Curso de Teologia (Bacharelado), no período noturno. O credenciamento da CATÓLICA-SJC e a autorização do curso foram publicados pelo Ministério da Educação em novembro de 2013. A Diocese de São José dos Campos já mantinha o Curso “Livre” de Teologia, no Instituto de Teologia e Filosofia Santa Teresinha – ITEFIST,

que continua existindo para fins canônicos. A CATÓLICA-SJC é responsável pela formação teológica dos futuros padres, diáconos e está aberta a todas as pessoas em buscar, no conhecimento teológico, uma fé esclarecida e melhor capacitação para os seus trabalhos pastorais. Com excelente corpo docente, formado por mestres e doutores nas respectivas áreas teológicas e áreas afins, a CATÓLICA-SJC prima pela excelência no ensino, pesquisa e extensão. Possui apropriada infraestrutura com salas de aula equipa-

das com data-show, som e iluminação; auditório para 400 pessoas e uma biblioteca especializada. O curso de graduação em Teologia tem duração de quatro anos. A primeira turma terá início em 2014 e o processo seletivo é por meio de vestibular. As inscrições vão até o dia 15 de janeiro pelo site www.faculdadecatolicasjc.org.br e a prova será aplicada no dia 18 de janeiro de 2014. O prédio da Faculdade Católica fica na Av. São João, 2650 – Jardim das Colinas, em São José dos Campos.

da doença. A Ordem dos Servos de Maria e a Fraternidade São Peregrino convidam todas as pessoas afetadas pela doença a pedir a proteção de São Peregrino. A missa é celebrada, todo dia 4 de cada mês, na Paróquia Sagrada Família, Rua Padre Rodolfo, 28 – Vila Ema, São José dos Campos. Fazenda da Esperança Se você quer se livrar da dependência de drogas ou de álcool, ou encaminhar um parente ou amigo, a Fazenda da Esperança é uma alternativa. Em São José dos Campos, você pode tirar suas dúvidas sobre os encaminhamentos com Bita pelo telefone (12) 9102-4137. Ele atende, de terça a sexta, das 13h30 às 17h, na Catedral de São Dimas. Os interessados podem participar também das reuniões mensais, no terceiro Domingo do mês, às 14h, do grupo Esperança Viva, (GEV), na Catedral São Dimas. Ministério mais que vencedores O Ministério mais que Vencedores é um projeto desenvolvido

dentro da Paróquia Espírito Santo, unindo os trabalhos da Pastoral da Sobriedade e grupos de Irmandades Anônimas (AA, NA, Naranon, Amor Exigente etc). É voltado para as pessoas com dependência química e alcóolica e alia técnica (tratamento psicológico e terapias) com a espiritualidade. O atendimento do Ministério Mais que Vencedores acontece nas quartas-feiras, das 9h às 11h, das 15h às 17h e das 19h às 21h. O grupo de apoio, nas sextas-feiras,das 22h às 24h. Se você passar por esse tipo de dificuldades, participe ou indique para alguém que necessita de apoio. Local: Paróquia Espírito Santo, Av. Cassiopéia, 461, Jardim Satélite, em São José dos Campos. Divulgue aqui o trabalho de sua Obra Social, Paróquia, Grupo ou Movimento. Ligue para o Jornal Expressão 12 3928-3929 ou envie um e-mail: jexpress@diocesesjc.org.br


Dezembro | EXPRESSÃO | 7

25 anos da Paróquia Nossa Senhora do Rosário A Paróquia Nossa Senhora do Rosário, situada na Vila Tesouro, em São José dos Campos, está completando 25 anos. Mas sua caminhada evangelizadora começou na década de 1950, fruto da devoção dos primeiros moradores da região, que se reuniam para rezar o terço. Muita oração e muita perseverança fez brotar a semente lançada e a comunidade rural cresceu, mudou de perfil e se tornou uma paróquia urbana há 25 anos. Hoje, a Vila Tesouro é um grande bairro e a paróquia é responsável por mais duas comunidades. Nesta linha do tempo, conheça o histórico da comunidade e sua composição atual. A programação completa da festa do Jubileu de Prata da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, confira na página 5.

Histórico da paróquia 1955 - A então Fazenda Tesouro fora loteada, dando origem ao bairro de mesmo nome. 1962 - A Comunidade marca o seu início com a oração do terço rezada nas casas dos poucos moradores. 1976 - A comunidade, ligada à Paróquia de São Sebastião, oferece a Catequese às crianças e passa a contar, mensalmente, com a celebração da missa. 1978 - Dom José Antônio do Couto, então Bispo de Taubaté, em visita pastoral, sugeriu que Nossa Senhora do Rosário fosse a padroeira da Comunidade. 1979 - Começa-se os trabalhos para a construção da futura Capela de Nossa Senhora do Rosário. 1981 - Foi criada a Diocese de São José dos Campos e Dom Eusébio Oscar Scheid, pela primeira vez, visita a Comunidade. 1984 - Dom Eusébio Oscar Scheid celebra a primeira missa na nova igreja, apesar da mesma estar ainda inacabada. 1987 - É criada e instalada a Quase-Paróquia Nossa Senhora do Rosário e, nomeado Quase-Pároco o Pe. Pedro Paulo dos Santos. 1988 - Finalmente a Comunidade é elevada à categoria de Paróquia e, Pe. Pedro Paulo dos

Santos é nomeado o primeiro pároco. 1990 - É fundada a Obra Social e Assistencial Nossa Senhora do Rosário 1993 - Toma posse da Paróquia, o segundo pároco, Pe. Roberto Lessa. 1996 - Tomada de posse do terceiro pároco, Pe. Ivo Demétrio Lourenço. 1997 - Tomada de posse do quarto pároco, Pe. Rodolfo Domingues de Vasconcelos. 1999 - Toma posse da Paróquia, o quinto e atual pároco, Pe. Eduardo Fraga e Silva.

A paróquia hoje: Pároco: Pe. Eduardo Fraga e Silva (no cargo desde 20/06/1999) Cooperadores Paroquiais: Diac. Dionísio Bacelar Sobrinho Diac. Olinto Renó Campos Comunidades: Matriz Nossa Senhora do Rosário Santo Expedito (Jd. Valparaíba) São João Batista ( Bairro Martins Guimarães) Setores Paroquiais: 12 setores territoriais 02 setores pessoais

Ação Social: Obra Social e Assistencial Nossa Senhora do Rosário Pastorais e Movimentos: 26 Ministros Extraordinários: 63 (Comunhão Eucarística / Consolo e Esperança) Agentes Pastorais: 1200 (lideranças, dirigentes e coordenadores) Catequizandos: 750 (crianças, adolescentes, jovens e adultos)

Solidariedade

Cáritas lança campanha de ajuda ao povo das Filipinas Em consonância com a campanha emergencial lançada pela Caritas Internationalis ao povo filipino, a Rede Cáritas Brasileira lançou uma campanha de arrecadação de recursos em solidariedade aos afetados pelo supertufão ‘Haiyan’ que devastou o arquipélago das Filipinas no dia 8 de novembro. A Cáritas Filipinas estima que 9,5 milhões de pessoas foram afetadas pelo supertufão. Além disso, mais de 3 milhões de pessoas estão em um raio de 30 quilômetros no percurso seguido por “Haiyan”, batizado

localmente como “Yolanda”. Em toda a área o nível de destruição é máximo e as comunidades afetadas não têm acesso a água potável, comida e eletricidade. Em Tacloban, cidade localizada na ilha de Leyte, as tempestades provocaram ondas de até nove metros de altura e teve 95 % da cidade destruída. Os recursos arrecadados pela campanha emergencial no Brasil serão destinados à Cáritas Filipinas que serão revertidos, nesse primeiro momento, em utensílios de primeira necessidade como comida, água potável

e produtos de higiene pessoal. Após esta primeira etapa, os recursos serão destinados para apoiar a reconstrução do país. Banco do Brasil Agência: 3475-4 Conta Corrente: 29368-7 Caixa Econômica Federal Agência: 1041 Conta Corrente: 832-0 Bradesco Agência: 0606 Conta Corrente: 66100-0 Para DOC e TED o CNJP da Cáritas Brasileira é 33654419/0001-

COMDEUS inaugura sua livraria A COMDEUS - Comunidade Maria Mãe de Deus irá inaugurar sua livraria no dia 14 de dezembro a partir das 09h. Na programação da inauguração: bênção de inauguração às 10h, música ao vivo durante o dia; momentos especiais de autógrafos com os autores de livros lançados pela Editora ComDeus e a presença dos escritores Rita Elisa Seda, autora do best-seller “Nhá Chica, Mãe dos Pobres” e Paulo Vitor, autor do lançamento “Se creres, verás a glória de Deus”. Haverá descontos especiais em todos os produtos no dia da inauguração e em toda a semana seguinte. A livraria fica na Av. São José, 921, no centro de São José dos Campos. Maiores informações, ligue (12) 33028560. Visite o site: www.comdeus.org.br


8 | EXPRESSÃO | Dezembro

9º Encontro Nacional Fé e Política e a Cultura do Bem-Viver Durante os dias 15, 16 e 17 de novembro aconteceu na Universidade Catolica de Brasilia, campus Taguatinga – DF o 9º Encontro Nacional Fé e Política que teve como tema: “Cultura do Bem Viver: partilha e poder”. Participaram 3,2 mil pessoas e mais de 700 voluntários na organização. No primeiro dia antes da abertura foi lançado o plebiscito por uma Constituinte Exclusiva pela Reforma do Sistema Político Brasileiro, a abertura teve a presença de Daniel Seidel (coordenador local do encontro), Dr Afonso Celso Tanus Galvão (reitor da Universidade Catolica), Gilberto Carvalho (secretário geral da Presidência da República) , Hamilton Pereira (secretário da cultura do Distrito Federal), pastora Romi Bencke (secretaria do CONIC), Terezinha (da coordenação do movimento Fé e Política). A mística trouxe os elementos da criação: fogo, água, terra e ar e logo em seguida a Palavra de Deus. No sábado, após a mística teve a memória do Movimento Fé e Política. Logo após a mesa redonda com a participação de Graciela Chamorro, Paul Singer e Frei Betto. Ainda no segundo dia, vinte e seis oficinas temáticas e atividades culturais.

Divulgação

No domingo (17), o frei Carlos Mesters encerrou falando do processo de recuperação da esperança e da construção do bem-viver. Durante o evento aconteceu o lançamento da Agenda Latino-Americana, plantio de árvores em parques de Brasília, mostrados via internet, e a ação simbólica no Campus da Universidade, onde foram plantadas nove mudas de ipê, árvore típica

do cerrado. Na celebração de envio cada participante recebeu também nove sementes de ipê de várias cores para multiplicar a ação em sua cidade. Daniel Seidel, coordenador do encontro local, disse que as nove árvores plantadas fazem a compensação do carbono gasto em média por cada participante do evento. Representando a Diocese de São José dos Campos estavam

23 pessoas, alunos e ex-alunos da Escola de Politica e Cidadania, membros do Conselho de Leigos, da Comissão Sócio Política Diocesana, AESI, aluna da Faculdade Católica, deputado estadual e outros. “O 9º encontro nos propiciou muita sabedoria, reencontro com irmãos de diversos estados brasileiros e troca de experiências, demontrando que quem ama a Palavra se compromete

com o outro e se incomoda com a injustiça, com a indiferença, e quer um sistema político que promova a Paz, a Justiça para que todos possam ter uma vida digna e humana. Deus seja louvado pela Igreja que é movimento, que é comunhão, que é Amor, que quer na terra fazer o novo céu”, afirmou Luigi Bertoncini, Professor da Escola de Política e Cidadania da Diocese. Memória do Movimento O 1º Encontro aberto a todos aconteceu no ano de 2000, em Santo André, SP, com a participação de quase 2.000 pessoas. Em 2002, o 2º Encontro foi em Poços de Caldas, MG, com 4.000 participantes. O 3º Encontro em 2003, em Goiânia, GO, reuniu 6.000 pessoas. Em Londrina, PR, no 4º Encontro de 2005 participaram 5.000 pessoas. Em 2006 o 5º Encontro de Fé e Política aconteceu em Vitória, ES com 4.000 participantes, o 6º foi realizado em Nova Iguaçu, Baixada Fluminense, RJ, em 2007 com a participação de 5.000 pessoas, e o 7º teve lugar em Ipatinga, MG, em 2009 e registrou a presença de 5.000 pessoas; a cidade de Embu das Artes (SP) acolheu nos dias 29 e 30 de outubro de 201, o 8º encontro com a participação de 3.500 pessoas.

Prefeito de Jacareí se encontra com líderes de pastorais sociais

D

ia 19 de outubro, num sábado de manhã, ocorreu na cidade de Jacareí um encontro entre as pastorais sociais das paróquias da cidade com o Executivo municipal. Representando as pastorais, estiveram presentes alguns coordenadores de pastorais e movimentos, de modo especial da Sociedade São Vicente de Paulo. Da parte do poder executivo local, participaram do encontro o prefeito Hamilton da Mota e os secretários da Saúde, de Assistência Social, da Educação, do Meio-ambiente e da Habitação. O primeiro a falar foi o prefeito municipal, expondo de

modo geral sobre os programas do governo no que diz respeito às demandas na área social. Após a fala do prefeito, os secretários responderam perguntas elaboradas pelas pastorais. Os presentes demonstraram preocupação maior em relação à pasta da saúde. Como a experiência foi bastante positiva, a exemplo do que aconteceu na cidade de São José dos Campos, quando também realizamos um encontro com o executivo local, a Comissão Diocesana do Serviço para a Caridade, Justiça e Paz vai continuar programando esses eventos entre as pastorais sociais e os que exercem cargos públicos.

Divulgação

Encontro das Pastorais Sociais de Jacareí com o Executivo Municipal, organizado pela Comissão Diocesana do Serviço para a Caridade, Justiça e Paz.


Dezembro | EXPRESSÃO | 9

Capela e Relicário do Pe. Rodolfo Komórek passam por reforma Museu e Relicário do Padre Rodolfo Komórek guardam seus objetos pessoais desde 1983.

O

Relicário do Venerável Pe. Rodolfo Komorek, em São José dos Campos, está passando por reforma a pedido da Inspetoria Salesiana de São Paulo, tendo em vista o processo de beatificação do padre e as inúmeras caravanas de peregrinos que visitam a Paróquia Sagrada Família onde está localizada a capela. As obras iniciaram em outubro e já foram retirados o telhado antigo e as janelas. A obra está em processo de colocação da nova cobertura. Além da nova cobertura, fazem par te da reforma a adequação da parte elétrica além a melhoria do espaço celebrativo e a criação de um espaço próprio para todo o acervo histórico, que contém fotos, paramentos, documentos, doações das pessoas que receberam graças por intercessão do Pe. Rodolfo. Na fachada da capela, em cima da porta haverá um mosaico com o rosto do sacerdote. Biografia Rodolfo Komórek nasceu em 11 de outubro de 1890 na cidade de Bielsko, na Polônia, e foi ordenado sacerdote diocesano em 1913. O padre chegou ao Brasil em 1924, após ter servido como capelão militar durante a 1ª Guerra Mundial. Por sua coragem e devoção, foi condecorado pelo governo austríaco e pela Cruz Vermelha.

Divulgação

Antes de chegar ao Vale do Paraíba, Padre Rodolfo trabalhou no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Rio de Janeiro. Na década de 1940 o padre foi para a congregação de São Fransisco de Sales, os Salesianos, em Lavrinhas. Na mesma época, começaram os primeiros sintomas da tuberculose. Ele foi enviado para São José dos Campos porque a cidade era uma estância de tratamento. Em São José, o padre foi examinado pelo médico Nel-

Túmulo do Venerável Padre Rodolfo Komorek no interior da Capela.

médico teria dado a ele três meses de vida, mas ele viveu ainda nove anos. Contrariando as ordens médicas, padre Rodolfo realizava todos os dias uma procissão particular pela cidade, oferecendo assistência aos doentes e realizando missas na capela do sanatório Vicentina Aranha, onde hoje é possível visitar seu quarto e conhecer objetos e móveis usados por ele. Sua mor te, ocorrida no dia 11 dezembro de 1949, foi marcada pelas manifestações de carinho da população joseense. Foi enterrado no cemitério do centro de São José - que recebeu seu nome em 2003. Em 1996, Dom Nelson Westrupp, então bispo diocesano autorizou a exumação e transladação de seus restos mor tais para a Capela do Relicário.

Oração para pedir a Deus a glorificação do Venerável Padre Rodolfo Komórek

son D’Avila, que teria se surpreendido com a gravidade de sua doença e recomendado repouso absoluto. O

Situação atual da capela sem o telhado e janelas.

Ó Jesus, no Venerável Padre Rodolfo nos destes um comovente exemplo de amor aos pobres e aos doentes, de paciente dedicação ao ministério das Confissões. Sua vida de caridade e penitência constitui um contínuo apelo ao seguimento do Evangelho. Concedei-nos, por sua intercessão, a graça que vos pedimos (pedir a graça desejada), e a sua glorificação entre os santos da vossa Igreja, que ele honrou com uma vida de grandes virtudes. Amém. Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória Venerável Padre Rodolfo, rogai por nós.

Projeto da Nova Capela e Relicário do venerável polonês.


10 | EXPRESSÃO | Dezembro

Lançamento

“Saudades à sombra de um Ipê” Livro fala da perda de um filho Maria Eliete Gomes atua no Grupo Filhos no Céu há mais de 3 anos. Sua experiência com pessoas enlutadas começou na área de recursos humanos, com diversos atendimentos aos parentes de colaboradores que morriam, trabalho que é desenvolvido até hoje. Por conta de seu trabalho e sua atuação no Filhos no Céu nasceu o livro “Saudades a sombra de um Ipê”. Jornal Expressão - Qual a história do livro? Eliete - O livro “Saudades a sombra de um Ipê” trata do encontro de duas mulheres, uma é Miriam, a mãe do Carlinhos, que morre em um trágico acidente, e a outra é Ana. Após a morte do Carlinhos, a vontade de viver da Miriam se encolhe. Ela sente que seu amor fica solitário e que o que sobra é a dor e a saudade. Seu amor se mistura a dor, e vence sempre aquele que gritar mais forte. Miriam procura respostas, mas encontra Ana, que deixa em um jornal da cidade um anúncio para pessoas que sofrem com a morte de pessoas queridas.

No encontro, nasce uma nova amizade. Ana tem um grande segredo, mas antes de revelá-lo, ela traz consigo esperança para ajudar a Miriam a encontrar um sentido novo para a vida. Assim, Miriam encontra um novo jeito de viver ao permitir que a ausência física seja substituída pela presença da fé, e o amor fica mais forte do que a dor. JE - Por que da escolha do título da obra? Eliete - No livro a Ana ensina Miriam a plantar um pé de Ipê Amarelo. Porém, enquanto planta, Miriam, fala sobre todas as dores, depois sente-se na obrigação de cuidar daquela árvore,

No mistério do Filho de Deus, a nossa natureza humana foi elevada, Deus se fez homem para tornar o homem participante da sua natureza. Deixemos que a luz do Verbo Encarnado invada o nosso coração e celebremos com muita gratidão o Natal do Senhor. Desejamos a todos os leitores do Jornal Expressão um Natal muito santo e feliz e um Ano Novo repleto das bênçãos de Deus!

que passa a simbolizar a dor da sua saudade. JE - Por que decidiu escrever o livro, como surgiu a motivação? Eliete - Ao pensar sobre um tema que falasse na dor de uma mãe ou de um pai que perde o filho, tive a inspiração do livro, que chegou toda completa, com começo, meio e fim, e desenvolver os diálogos entre as duas mulheres foi como ouvir o que cada mãe ou pai do Grupo Filhos

no Céu falam sobre suas dores e suas saudades. Por muitas vezes enquanto escrevia, eu mesma ficava envolvida sentimentalmente com aquela conversa que elas desenvolviam. Vivi um mar de emoções em cada diálogo, e nos vários acontecimentos que ocorrem durante os encontros. JE - Como conheceu o Grupo Filhos no Céu? Eliete - Uma amiga minha que sabia do meu desejo de trabalhar com um grupo de apoio ao luto, me falou que estavam precisando de voluntários no Grupo, o mais interessante é que entrei no blog do Filhos no Céu (www. filhosnoceu.org.br), e enviei uma mensagem que foi respondida pelo Padre Rogério e pela Regina, coordenadora do Grupo, e disse a eles que gostaria de conhecer o trabalho. Eles me convidaram para o encontro seguinte, assim em setembro de 2010, fui no encontro, e como sempre é feito com todos que chegam para a missa fui muito bem recebida por todos,

porém para a minha surpresa eles não estavam recrutando voluntários, mas isso não foi dito, eu percebi qual era a dinâmica do grupo, mas mesmo assim fui nos encontros seguintes e assim ocorre todo terceiro domingo do mês há mais de 3 anos.

Onde adquirir: Na Editora Literasas em Guaratinguetá, através do telefone (12) 3013-7609 Número de páginas: 100 páginas Valor: R$ 40,00


Dezembro | EXPRESSÃO | 11

Reunião do Conselho Diocesano de Pastoral No dia 23 de novembro, coordenadores diocesanos e vice -coordenadores das Pastorais, Movimentos e Organismos da Diocese de São José dos Campos tiveram uma reunião formativa conduzida pelo Padre Djalma Lopes Siqueira, administrador diocesano. No salão paroquial da Catedral São Dimas, a reunião foi iniciada com a Adoração Eucarística

e oração pela nomeação do novo bispo, com padre Edinei Evaldo Batista, coordenador diocesano de pastoral. Em seguida padre Djalma fez a reflexão sobre “Criteriologia Pastoral”. Os participantes se reuniram em grupos para avaliar e analisar os questionamentos propostos na reflexão e depois cada grupo apresentou sua conclusão. Ana Lúcia Zombardi

Cerco de Jericó – 2014 A Paróquia Espírito Santo realiza entre os dias 06 e 12 de janeiro, o Cerco de Jericó 2014. Com o tema: “Mergulhando com fé, amor e esperança em 2014”, o evento este ano será realizado na Expo Vale Sul, com a finalidade

de oferecer maior conforto ao povo de Deus, devido ao grande número de pessoas que participaram nos anos anteriores. Contanto com 24 horas de adoração ao Santíssimo Sacramento durante os sete dias, o Cerco 2014 contará

com a presença de diversos padres, além do pregador internacional Neil Velez. Também teremos missas em dois horários, às 15h e 19h30. Você é nosso convidado especial! Venha começar o ano de 2014 mergulhado no amor de Deus!

De 06 a 12 de janeiro

Mergulhando com fé, amor e esperança em 2014 Dia 06 de janeiro - segunda-feira Mergulho da Gratidão 15h e 19h30 - Padre Silvio Paróquia Nossa Senhora de Fátima – Rio de Janeiro/RJ. Animação: Emanuel Stênio – Canção Nova. Dia 07 de janeiro - terça-feira Mergulho do Poder de Deus 15h e 19h30 - Presença de Neil Velez – EUA. Animação: Flavinho – Canção Nova.

Dia 08 de janeiro - quarta-feira Mergulho da Alegria 15 e 19h30 - Padre Edmilson – Canção Nova. Animação: Salete Ferreira e Cassiano – Canção Nova. Dia 09 de janeiro - quinta-feira Mergulho da Fé 15h e 19h30 - Padre Roger – Canção Nova. Animação: Flavinho – Canção Nova. Dia 10 de janeiro - sexta-feira Mergulho da Esperança 15h e 19h30 - Padre Marlon e Padre

Gustavo – Missão Sede Santos. Animação: Nilton - Pantokrator Dia 11 de janeiro - sábado Mergulho do Amor 15h - Padre Mário - Par. São Silvestre. 19h30-PadreAdrianoZandoná-CançãoNova. Dia 12 de janeiro - domingo Mergulho da Entrega a Deus 15h e 19h30 - Padre Luís Fernando Par. Espírito Santo. Animação: Laercio Oliveira.

Instituto de Teologia para Cristãos Leigos “Franz de Castro Holzwarth” Ajudando a crescer na fé

U

m dos processos de beatificação de nossa diocese, em Roma é de Franz de Castro Holzwarth. Certamente muitos diocesanos têm informações sobre ele. Porém sabe-se que em homenagem a ele foi criado um instituto de teologia para cristãos leigos em Jacareí? Há anos essa organização vem formando pessoas interessadas em aprender mais sobre a presença de Deus na história da humanidade. Foram leigos que bus-

caram a instrução teológica, bíblica, pastoral, litúrgica e metodológica para que como agentes de pastoral e líderes cristãos pudessem contribuir para um maior incremento da vida pastoral da diocese. Hoje, aqueles que buscam o curso de teologia querem também desenvolver uma fé mais madura, profunda, consciente e ativa para que seus testemunhos sejam da mesma forma, maduros e profundos. Aliás, Papa Francisco vem continuadamente afirmando que cada vez mais o mundo precisa

de testemunhos firmes, de nós cristãos. A Doutrina Social da Igreja também é matéria de estudo, afinal é preciso suscitar uma visão cristã do mundo uma vez que, o ainda inacabado processo de globalização, vem provocando também a exclusão da dignidade da pessoa. Dignidade essa nos dada por Deus. E cada dia que passa seu estudo faz-se importante pois ela nos dá a capacidade de entender o conceito cristão de homem, de pessoa e de sua vocação para o amor.

Todos os professores do curso são formados em Teologia (graduação superior). São padres, diáconos ou leigos que tiveram a oportunidade de passar pelo instituto e depois buscaram aperfeiçoar-se, inclusive já tendo cursado mestrado e que voltam para manter acesa a chama daqueles que buscam conhecer um pouco mais de Deus. O curso funciona nas salas do Santuário Nossa Senhora do Carmo, em Jacareí e está sob a supervisão do Pe. Messias Rochinski. A cada se-

mestre são oferecidas seis novas disciplinas. As aulas acontecem toda sexta-feira, das 19h às 21h50. Faça sua inscrição para o próximo semestre pelo facebook acessando nosso grupo teologia para cristãos leigos. Maiores informações, na Secretaria da Paróquia Nossa Senhora da Santíssima Trindade, à Pça. Conde Frontin 1, Centro, Jacareí-SP ou pelo tel: 3961-3464.


12 | EXPRESSÃO | Dezembro

SINE realiza congresso internacional no Brasil

O

sétimo Congresso Internacional do SINE – Sistema Integral da Nova Evangelização aconteceu de 04 a 08 de novembro em São José dos Campos-SP, com a participação de 10 bispos, mais de 80 sacerdotes, religiosas e cerca de 400 leigos, provenientes da Argentina, Colômbia, Venezuela, EUA, México, República Dominicana e Brasil. Padre Djalma Lopes Siqueira participou do primeiro dia para dar boas vindas aos participantes a nossa Diocese. Dentre os conferencistas estiveram presentes Dom Octavio Ruiz Arenas, secretário do Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização, Dom Fábio Suescún Mutis, bispo de Castrense da Colômbia e Dom Eduardo Benes, arcebispo de Sorocaba/SP. Na quarta-feira, os participantes foram ao Santuário Nacional de Aparecida, onde participaram da Santa Missa presidida pelo Cardeal Dom Raymundo Damasceno Assis. Na quinta-feira, Dom Leonardo Steiner, secretário-geral da CNBB, foi o presidente da Celebração Eucarística. O Congresso teve como tema: “Nova evangelização para viver e transmitir de forma permanente a fé”, com o

Ana Lúcia Zombardi

objetivo de criar consciência da importância da Nova Evangelização e contribuir para que Dioceses e paróquias alcancem a conversão pastoral, oferecendo meios concretos para chegarem a uma Igreja em permanente missão. Com a participação de bispos e padres, o encontro oferece subsídios para formadores de seminários, religiosos, membros de Conselhos Missionários Paroquiais e agentes de pastorais e movimentos. Na missa de abertura, presidida por Dom Fernando Mason,

bispo diocesano de Piracicaba, em sua homilia, o prelado citou a essência do SINE, “Somos apenas um ramo na evangelização, mas um galho forte que não se curva nem se quebra em uma ventania.” Sistema Integral da Nova Evangelização O SINE é um método de evangelização que sistematiza em etapas lógicas a vida cristã, a partir das próprias paróquias. O método contempla a saída missionária em duas dimensões: missões intensivas querigmáticas uma vez por ano e visita integral permanente durante todo o ano casa por casa, o que coloca as paróquias em permanente estado de Missão. Dinamizando a vida pastoral da paróquia, o SINE contribui para a construção de comunidades através de etapas, sendo elas: formação permanente a todos (crianças, jovens e adultos), a oferta Sacramental dentro da etapa pastoral, a setorização por território das paróquias aproximando o fiéis à Igreja-Comunidade. Com sede nos Estados Unidos e México, o escritório nacional do SINE Brasil fica em São José dos Campos no Jd. Motorama desde 15 de dezembro de 1998.

Pascom realiza encontro estadual em Aparecida Com a proposta de refletir sobre os fundamentos bíblicos teológicos da Pastoral da Comunicação (PasCom), mais de 90 agentes das dioceses do Regional Sul 1 da CNBB se reuniram, de 30 de novembro a 1º de dezembro, em Aparecida (SP). As conferências contaram com a assessoria do padre Joãozinho, SCJ, que abordou o tema “Evangelizar é comunicar”. Na abertura do encontro, o bispo de Itapeva e referencial da Comunicação no Estado de São Paulo, dom José Moreira de Melo, e a assessora da PasCom, irmã Maria Celeste Ghislandi, partilharam trechos da primeira Exortação Apostólica do papa Francisco, a ‘Evangelii gaudium’ (A Alegria do Evangelho). O arcebispo de Aparecida (SP) e presidente da CNBB, cardeal Raymundo Damasceno Assis, sobre a exortação, destacou as principais características do papa, como a sua linguagem objetiva, fácil e simples, que vem surpreendendo cristãos do mundo inteiro. O cardeal questionou os participantes sobre o papel da Igreja no campo da Comunicação.

Divulgação

“O papa nos responde a esses desafios que nos convocam a estar aqui: não é apenas a questão tecnológica, mas sobretudo saber responder e levar a Boa notícia pautada na coerência cristã que busca com nosso testemunho pessoal”, afirma. Para dom Damasceno, “a comunicação deve levar às pessoas ao encontro de Jesus, para

um trabalho eficaz”. Abordagem Padre Joãozinho, SCJ, abordou a fundamentação bíblico-teológica da Pastoral da Comunicação citando documentos conciliares como decreto Inter Mirifica, as mensagens dos papas pelo Dia Mundial das Comunicações e a exortação do papa

Francisco. “O pensamento e atuação da Igreja, referente à Evangelização, está voltado para utilização dos meios de comunicação como forma de promoção da Teologia do Encontro”, disse o sacerdote. O encontrou contou, ainda, com a exposição dos trabalhos das oito sub-regiões pastorais (Aparecida, Botucatu, Campinas,

Ribeirão Preto I e II, SPI, SPII e Sorocaba), além de uma abordagem das atividades da Associação Católica de Comunicação, a Signis Brasil. Na oportunidade, os participantes visitaram as instalações do Santuário Nacional de Aparecida e conheceram um pouco da história da Basílica. Avaliação – Para Jussane Rodrigues da diocese de Jundiaí o encontro atingiu seus objetivos na medida em que promoveu a motivação e o re-pensar das práticas da Pascom. “O fundamento dessas mudanças reside no jeito mariano de comunicar da Igreja: a comunicação materna, como bem apresentou e destacou o palestrante Pe. Joaozinho”, avaliou. Na noite de sábado, os participantes visitaram o Santuário Nacional de Aparecida , onde com uma visita monitorada, puderam conhecer um pouco da história da Basílica e da arte do Cláudio Pastro. A visita emocionou os presentes. Participaram agentes de 26 dioceses do estado de São Paulo e também representantes da Pascom de Coxim, (Mato Grosso do Sul) e Niterói, (Rio de Janeiro).


Dezembro | EXPRESSÃO | 13

CEBs rumo ao 13º Intereclesial

Divulgação

Tema: “Justiça e Profecia a Serviço da vida” Data: 07 a 11 de Janeiro de 2014 Local: Juazeiro do Norte – CE na Diocese de Crato

O

13º Intereclesial acontecerá na cultura nordestina com suas expressões culturais, religiosas, familiares, com seus sofrimentos, desejo de superação e com suas sombras, e luzes. A caravana da CEBs caminha pelo Brasil todo e desta vez chega a Diocese de Crato, no Ceará, com toda sua poesia, tradições, cultura própria e religiosidade em volta do Padre Cícero. O cenário será a cidade de Juazeiro do Norte – CE, sertão do cariri, região das secas, grandes estiagens – Justiça e Profecia – terra de muitos Santos e Santas que nunca deixaram de acreditar na intervenção divina que os

sustenta na fé e na religiosidade popular. Pe. Fabiano Kleber Cavalcante do Amaral, Assessor Diocesano das CEBs, estará lá, acompanhando 48 delegados de nossa diocese, que irão se juntar a cerca de 5 mil pessoas, sendo destes, 3,5 mil delegados e convidados. Jornal Expressão - Como foram os preparativos para participar de um evento realizado tão longe? Padre Fabiano - A CEBs em nossa diocese já vem se preparando deste o 12º Intereclesial que aconteceu em Porto Velho – RO, em 2009. Chegamos de lá e começamos a planejar a ida

para o 13º Intereclesial no Ceará. Participamos de encontros do Regional Sul 1, tivemos encontros específicos na diocese para estudar o Texto Base e reuniões para a escolha dos delegados. Estamos indo para Juazeiro do Norte com uma delegação de 48 pessoas. Sairemos dia 5 de janeiro às 5h da manhã da Catedral São Dimas, de ônibus, para chegarmos dia 7, quando tem início o Intereclesial. Nosso retorno será, logo após a missa de encerramento, dia 11 de janeiro às 21h, para chegarmos aqui dia 13 de janeiro. JE - Fale sobre o tema “Justiça e Profecia a Serviço da vida” Padre Fabiano - Jesus veio

ao mundo para anunciar seu Reino de amor, paz e justiça. Suas andanças missionárias em diversos lugares na Palestina atraiu discípulos e esses atraíram outros discípulos. O Espírito Santo continua conduzindo a Igreja nos dias de hoje e milhares de fiéis se reúnem para ouvir a Palavra de Deus, melhorar a vida, e confiar na mensagem do Evangelho em todas as Comunidades Eclesiais de base. JE - Qual a expectativa? Padre Fabiano - Nossa expectativa é muito grande e esperançosa, alegria e ansiedade são os sentimentos que nos movem a comungar com o povo nordestino das suas lutas,

esperanças, vitórias, cultura e fé. Queremos, animados pelo Espírito Santo, sermos discípulos evangelizadores e não inventar outras formas de vida. Somos missionários da comunicação clara e objetiva da Palavra de Deus, e assim, no mundo tão fragmentado de valores, vamos reavivar nossa missão com este povo que tem muito a nos ensinar. JE - Qual a importância para a caminhada da CEBs local? Padre Fabiano - A importância principal está na partilha de vida. Pois, mais do que participar de um encontro, queremos comungar da mesma fé, viver a mesma esperança, acreditar nos mesmos sonhos – Justiça e profecia a serviço da Vida. JE – Suas considerações finais. Padre Fabiano - Desde já fica aqui a nossa gratidão e oração a todos os irmãos e irmãs das Comunidades Eclesiais de base, espalhadas em nossa Diocese. Agradecemos a todos que no íntimo de seus corações viajam conosco nesta experiência de fé e de vida. Queremos também contar com a oração de todos, pois aos pés do padrinho, Padre Cícero, iremos rezar pelo nosso povo, o Povo de Deus, romeiros e romeiras que trabalham pela vida, que constroem no cotidiano da família o Reino de Deus. A todos a minha fraternal bênção ... Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.


14 | EXPRESSÃO | Dezembro

JMJ lança o DVD “Papa Francisco no Brasil - A Santa Missa”

A

JMJ Rio2013 lança o DVD “Papa Francisco no Brasil - A Santa Missa” com venda nas principais lojas do País. O DVD traz a missa celebrada pelo Papa Francisco no encerramento da JMJ Rio2013 na Praia de Copacabana. Este filme destaca as principais músicas, que foram interpretadas nesta grandiosa cerimônia. Em breve, teremos outros dois DVDs da JMJ: um documentário do diretor Cacá Diegues, Rio de fé, que mostra a Jornada por meio de histórias de peregrinos, voluntários, famílias de acolhida, e outro que mostra os principais momentos da visita e discursos do Papa Francisco no Rio, produzido pela Globo. Sobre o DVD “Papa Francisco no Brasil - A Santa Missa” Naquele domingo, o mundo estava de olho nas areias da Praia de Copacabana. As imagens transmitidas ao vivo mostravam 3,7 milhões de fiéis que acompanhavam atentamente o Papa Francisco. Era a missa de encerramento da primeira viagem internacional do primeiro Papa latino-americano. Um

evento cheio de ineditismo. E, portanto, simbólico. A imprensa mundial transmitia ao vivo os detalhes do principal evento da JMJ Rio2013. Francisco fez um apelo aos jovens: que levassem ao mundo a Palavra de Deus. Esse DVD contém o registro dessa missa histórica. São quase duas horas de imagens surpreendentes. E mostra, com cenas aéreas inéditas, desde a

saída do Papa Francisco da residência onde estava hospedado no alto do Sumaré, até a multidão de fiéis que lotou Copacabana. Além da íntegra da missa, o DVD contém nos extras as músicas da Jornada Mundial da Juventude, o making off com depoimento de pessoas que trabalharam na organização do evento como Marco Mazzola, responsável pela direção geral, e padres e cantores que entoaram as músicas da missa. Também é possível conferir clipes exclusivos, que agora são lançados pela MZA Music / Sony Music. Mas o ponto alto deste DVD se concentra mesmo na Missa de Envio. Naquele dia 28, o Papa começou o último dia de Jornada na Praia de Copacabana. Ele se dirigiu aos jovens e pediu mais participação. As palavras, os cânticos e até os momentos de silêncio comoveram os peregrinos como mostram as imagens. Surpreendentemente, depois de dias de chuva e frio, o sol apareceu para a missa de encerramento. A multidão deu à cidade do Rio de Janeiro uma cena inédita: 3,7 milhões de fiéis nas areias e ruas, segundo estimativa da organização. Uma lembrança inesquecível para

Francisco, que viu tudo do alto ao ser trazido para o Forte de Copacabana de helicóptero. E que em seguida, pode sentir de perto a manifestação de fé de pessoas de todo o mundo ao percorrer o trajeto de papamóvel até o altar. Outro momento, registrado neste DVD, foi a palavra do arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, ao fazer um agradecimento emocionado ao Papa: “Sentimos que segunda-feira irá faltar alguém muito importante e próximo de nós, alguém que nos fez muito feliz e se aproximou de cada um com as suas palavras e seus gestos”. Em seguida, o Papa se dirigiu aos jovens e pediu mais participação. As imagens também mostram a presidente Dilma Rousseff com colegas de outros países, como a presidente da Argentina, na primeira fila daquela multidão que acompanhava a missa. Por tudo isso, esse DVD passa a ser um documento único para católicos e também de seguidores de outras religiões. É o registro de um dos principais momentos de manifestação de fé do povo brasileiro de todos os tempos.

Após JMJ, CF 2013 e manifestações populares, lideranças discutem desafios em evento nacional Encontro Nacional de Revitalização da Pastoral Juvenil, organizado pela CNBB, propõe que lideranças jovens e adultas intensifiquem ações relacionadas à juventude

J

ovens, adultos, consagrados, sacerdotes, bispos e membros de expressões juvenis de todo o Brasil se reunirão em Brasília (DF) para descobrirem juntos pistas de fortalecimento da evangelização da juventude no Brasil para os próximos anos. O encontro é promovido pela Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude (CEPJ), da CNBB, e acontecerá de 11 a 15 de dezembro. Cerca de 500 participantes irão avaliar as ações já feitas e refletir sobre ações futuras para que a Igreja no Brasil e as expressões juvenis possam colher concretamente os frutos

dos acontecimentos relacionados à juventude ocorridos nos últimos dois anos - como a peregrinação dos símbolos da Jornada Mundial da Juventude, os Bote Fé nas dioceses, os Seminários Nacionais de Jovens, a Campanha da Fraternidade, a JMJ Rio2013, as manifestações populares ocorridas em junho e as diversas atividades das expressões que trabalham com juventude no país. O encontro se divide em três partes: “A realidade que nos desafia”, “A Igreja que nos ilumina” e “As pistas de ação que nos renovam”. Haverá palestras e reuniões em grupos, quando os participantes apontarão os

principais desafios da Igreja e sugestões para a evangelização da juventude no país. A síntese dessas respostas servirá para a elaboração das pistas de ação, que serão apresentadas no último dia de encontro. Durante o evento, haverá ainda uma mesa redonda com jovens sobre a identidade da Igreja Católica com a juventude, momento no qual poderão apresentar sugestões à Igreja do Brasil. Uma das atrações do encontro será a noite cultural, que contará com a presença de autores de livros sobre a temática da juventude. Haverá, ainda, o lançamento da edição brasileira do livro “Civilização

do Amor: projeto e missão”, já publicado em espanhol, para o trabalho junto aos jovens da América Latina. Quem estará presente Para melhor aproveitamento dos debates, o encontro é destinado a um público bem diversificado. Estarão presentes o adulto responsável da evangelização da juventude diocesana; um jovem líder que represente o conjunto de expressões juvenis na diocese; assessores nacionais adultos de cada expressão juvenil (movimentos, Pastorais da Juventude, novas comunidades); assessor adulto de congregação religiosa que

trabalha com juventude; e a coordenação nacional de cada expressão juvenil. Além destes, acompanharão o encontro os bispos referenciais da juventude nos Regionais da CNBB, a Equipe Jovem de Comunicação, a Coordenação da Pastoral Juvenil Nacional e a Equipe de Subsídios, ligados à CEPJ. Foram ainda convidados os referenciais regionais para as questões da JMJ, o coordenador nacional dos Centros e Institutos de Juventude, o coordenador da Pastoral Presbiteral do Regional e os coordenadores nacionais de algumas pastorais afins.


Dezembro | EXPRESSテグ | 15


16 | EXPRESSÃO | Dezembro

Espaço do leitor

›› Escreva para o Jornal Expressão e participe!

O Espaço do Leitor mudou! A partir deste mês você tem a oportunidade de conhecer nossas paróquias. Em cada edição será divulgada a foto de um detalhe ou de um ângulo da fachada da Igreja Matriz de cada paróquia. Você pode ganhar um lindo presente se a sua resposta for selecionada. Para participar basta enviar sua carta ou e-mail com a resposta da pergunta deste mês.

Qual é a paróquia desta foto? A – Paróquia Sagrada Família B – Paróquia N. Sra. de Guadalupe C – Paróquia Santa Inês

7 7 8 8 9 15 17 18 18 18 19

Pe. José Valdir Rodrigues Pe. Rodolfo Domingues de Vasconcelos Diác. José Márcio de Campos Cardeal Dom Eusébio Oscar Scheid, scj Ir. Alberto Gobbo Junior Pe. Cláudio César Costa Papa Francisco Diác. Mauri Guardia de Souza Pe. Reinaldo Braga Ferreira, scj Diác. Pedro Luiz de Souza Diác. Agostinho Silvério dos Santos

20 21 21 23 23 23 24 25 29 30

Diác. Luiz Alberto Rodrigues dos Santos Pe. Bernardo de Oliveira Pe. Carlos Alberto G. do Nascimento (Pe. Beto) Diác. Manoel de Oliveira Figueira Diác. Otílio Raimundo de Souza Diác. Dionisio Bacelar Sobrinho Diác. Álvaro Siqueira Vantine Pe. José Almeida dos Santos Pe. João Osmar de Souza Pe. Rogério Augusto das Neves

Ordenação

Envie sua resposta até o dia 15 de dezembro. Espaço do Leitor/Jornal Expressão. Pça. Mons. Ascânio Brandão, 01 CEP 12245440 - São José dos Campos – SP. Ou pelo e-mail: jexpress@diocesesjc.org.br. Na sua mensagem por e-mail ou na carta, informe seu nome completo e paróquia onde participa.

Brindes do mês: DVD Coletânia Mergulhe na Divina Misericórdia Mons. Jonas Abib e Eliana Sá mostram-nos que a misericórdia é o centro de nossa fé, e que podemos conquistar muitas pessoas para o Senhor por meio do nosso testemunho e da prática da misericórdia para com elas.

Aniversariantes Natalício

DVD Eliana Riberio AO VIVO Barco a vela Este é o primeiro DVD de Eliana Ribeiro e tem 19 faixas, incluindo 4 músicas inéditas: Barco a Vela, música que dá título ao DVD, Força e Vitória, Enviai e Eu me Rendo a Ti.

Pergunta anterior: Com qual solenidade encerra-se o Ano da Fé? Resposta: A Solenidade com a qual se encerra o Ano da Fé é a Solenidade de Cristo Rei. Ganhadora: Edelúcia de Fátima Alvarenga Corrêa - Paróquia de Santana O brinde deve ser retirado na Cúria Diocesana, com Ana Lúcia, das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira Pça. Monsenhor Ascânio Brandão, 1 – Jd. São Dimas – SJCampos - Tel.: 3928-3911

4 6 7 7 8 8 8 8 8 8 8 8 9 10 10 11 11

1949 1986 1991 1993 1975 1971 1989 1975 1990 1959 2005 2007 2006 2005 2005 2004 2010

Pe. José Almeida dos Santos Dom Moacir Silva (ordenação presbiteral) Pe. Rogério Félix Machado Diác. José Maria da Silva Diác. Mauri Guardia de Souza Diác. Ademar Pedro Mesquita Pereira Diác. Antonio Carlos Amaro de Faria Diác. Hugo Urbano de Souza Pe. Rinaldo Roberto de Rezende Pe. Antônio José Thamazia Pe. Vicente Benedito Simões Pe. Vitor Mendes Santos Pe. Edi Carlos Pereira Pe. Donizete Aparecido da Silva Pe. Ademir Nunes Farias Dom Moacir Silva (ordenação episcopal) Pe. Fabiano Kléber Cavalcante Amaral

14 15 16 17 18 19 20 20 21 22 22 23 28 29 30

1991 Pe. Luís Fernando Soares 2007 Pe. Fábio Ferreira Costa 1989 Pe. Geraldo Magela dos Santos 2005 Pe. Lucas Rosa da Silva 2010 Pe. Luciano Barbosa 2009 Pe. Alexsandro de Brito Ramos 1987 Pe. Milton Faria 1986 Pe. Antônio Aparecido Alves (Pe. Toninho) 1991 Pe. Roberto Lessa 1984 Pe. Dimas Cornélio do Nascimento 1990 Pe. Djalma Lopes de Siqueira 1989 Pe. Sebastião Cesar Barbosa 1991 Pe. Carlos Raimundo Barbosa 1990 Pe. Rodolfo Domingues de Vasconcelos 1995 Pe. Célio Antônio de Almeida

Comemoram datas especiais de Ordenação Presbiteral 1º Ano Dia 8 - Pe. Francisco José da Silva Dia 22 - Pe. Benedito Paulo de Carvalho 5 anos Dia 6 - Pe. Cláudio César Costa Dia 20 - Pe. Thiago Domiciano Dias 25 anos Dia 3 - Dom Dimas Lara Barbosa Dia 10 - Pe. José Vieira Pinto Dia 10 - Pe. João Luiz Uzan Malnacich Dia 17 - Pe. João Osmar de Souza 50 anos Dia 22 - Pe. José Edward Padoan 65 anos Dia 18 - Pe. Ernesto Cunha

Jornal Expressão - Dezembro 2013  

Fique bem informado sobre os eventos da diocese e enriqueça seus conhecimentos com artigos formativos. Jornal Expressão - órgão oficial da D...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you