Issuu on Google+

1

M ARÇ O 20 13


2

MA RÇ O 2013


3

M ARÇ O 20 13


4

MA RÇ O 2013


5

M ARÇ O 20 13


6

MA RÇ O 2013


7

M ARÇ O 20 13


Editorial

Expediente

Sumário

POSSEBON EDITORA E ANÚNCIOS LTDA. ME. Ufa! Chegamos à quinquagésima edição. Olhando do alto deste número expressivo e significativo para nós, vislumbramos o caminho trilhado ao longo deste período (de janeiro\2009 a março\2013), onde colocamos todo nosso esforço para, modestamente, levar aos nossos leitores uma editoria de alto nível, cumprindo a nossa missão de levá-los a refletir sobre aspectos da vida, além de diverti-los com assuntos variados e interessantes, sendo o seu respaldo o fator determinante do sucesso da revista. É o ponto de partida, pois, sem leitor, nenhuma revista sobreviveria. Entretanto, para que tudo isso fosse possível, foi imprescindível a presença marcante dos nossos anunciantes que, efetivamente, bancaram este nosso sonho. Agradecemos, de todo coração, pela confiança depositada neste ciclo que se fecha e contamos com a continuidade para a próxima jornada, a caminho da 100ª edição. E a nossa equipe? Reuniões, ajustes, controles, visitas a clientes, horas a fio em frente ao computador, entre erros e acertos, formou-se uma família e, como tal, todos vibram em prol do sucesso de cada um no cumprimento do seu dever, que refletirá no bem estar do todo. E assim, euforicamente apresentamos esta nossa edição.

+CANAL ABERTO 09 - Mulheres, estou chocada!

www.sermaisrevista.com.br Administração - Ana Beatriz Possebon - Lucila Zelenski - Valdira S.Takiya Editoração \ Redação - Antonio Celso Possebon Arte \ Diagramação - Daniel Silva dos Santos - Caio César Revisão - Shirley Terenciano Comercial - Ana Paula Possebon - Rafaela Domingos Tenório - Camila Benevides dos Santos Impressão - Gráfica Mundo Tiragem - 20.000 exemplares Distribuidores - Brudan Distribuidora - M.C. Distribuidora Ltda. Localidades de entrega - Arujá (incluindo todos os seus condomínios). - Itaquaquecetuba \ Santa Isabel \ Guararema \ Guarulhos \ Mogi das Cruzes \ Suzano \ - Assinantes espalhados por todo território nacional.

FALE CONOSCO

Fone: (11) 4653 5151

Equipe SER MAIS Revista

atendimento@sermaisrevista.com.br Envie sua opinião, crítica ou sugestão. Elas são muito importantes para nós.

PARA ANUNCIAR

Fone: (11) 4653 5151 MA RÇ O 2013

comercial@sermaisrevista.com.br

8

Rua Major Benjamin Franco, 52 Centro - Arujá/SP - Cep. 07400-165

ASSINATURA GRATUITA www.sermaisrevista.com.br

O conteúdo editorial da SER MAIS Revista é resguardado por direitos autorais, não podendo ser reproduzido sem prévia autorização da POSSEBON EDITORA E ANÚNCIOS LTDA. Opiniões expressas em matérias assinadas não refletem necessariamente a opinião da Revista. Os anúncios são de responsabilidade dos anunciantes.

+INSPIRAÇÃO 10 - Moda não é só assunto de adulto. 12 - Quando um não quer... +SAÚDE & CORPO 14 - Mais um grande avanço no... 16 - Fisioterapia. 18 - As tendências para a nova... 20 - A melhor hora é agora. 22 - Terapia com Laser? 24 - Nossas perguntas sem... +SAÚDE ANIMAL 26 - Fatos sobre gatos... +INOVAÇÃO 28 - Etanol x Gasolina +CONSCIÊNCIA 30 - Um raio sobre o Vaticano 32 - Qual a diferença entre... +MATÉRIA DE CAPA 34 / 35 - A nossa jornada... +CONEXÃO 36 - O despertar de uma consciência! 38 - Você se esqueceu de... 40 - Sistema de gerenciamento... +IDEIAS 42 - O eu e a multidão. 44 - A lareira ecológica... 46 - Casos intrigantes de Papas. +MÃOS À OBRA 48 - Protestos políticos... 50 - O alto preço do sucesso. 52 - Medo Gera Medo. +DIVERSÃO 54 - Capadócia \ Turquia 56 - A vida imita a arte. 58 - Viagem de ônibus pelo Brasil... +GASTRONOMIA 60 - Coisas de comer. 62 - Coisas de comer só para crianças. +ATITUDE 64 - Acontecimentos e Dicas +PONTO FINAL 68 - Vaidade, ambição e inteligência.


Estamos no século XXI e a força da mulher se consolida. Enfrentamos alguns obstáculos, mas, nada que se compare ao passado. Acompanhe, a seguir, o massacre emocional instituído por três respeitados pensadores sobre as mulheres. (1) - Aristóteles, filósofo grego, um respeitado guia intelectual de Alexandre - o Grande, no séc. IV a.C., afirmava: -“A natureza só faz mulheres quando não pode fazer homens. A mulher é, portanto, um homem inferior.” (2) - Lutero, famoso teólogo alemão, reformador protestante que influenciava a mente das pessoas no século XVI, afirmava: - “O pior adorno que uma mulher pode querer usar é ser sábia”. (3) - Henrique VII, Rei da Inglaterra e chefe da Igreja Anglicana, no século XVI, afirmava: - “As crianças, os idiotas, os lunáticos e as mulheres não podem e não têm capacidade para efetuar negócios.”

O conflito

O tempo passou e vivemos em outra era. A dinâmica atual sugere mulheres livres, atuantes, empenhadas, escrevendo uma nova história. Os pensadores atuais são unânimes em aplaudir a força e a capacidade da mulher mundial. Hoje em dia, o valor da mulher é reconhecido, porém, pergunto-me, por que o índice de mulheres deprimidas, ansiosas e emocionalmente estressadas é tão acentuado? Estamos livres, mas, presas aos nossos estados fóbicos. Estamos lindas, mas, feias para nós mesmas. Somos amadas, mas, nos rejeitamos. Desenvolvemos inúmeras capacidades, mas, parece que nos falta a paz. Administramos agendas, mas, boicotamos nossas emoções. Controlamos grandes negócios, contudo, é ainda maior a nossa tristeza. Somos confiantes nas estratégias profissionais, mas, inseguras quanto à vida pessoal. Conquistamos o reconhecimento, mas, sentimo-nos vazias.

A dualidade

Por que vivemos essa dualidade? Talvez porque, apesar dos tempos serem outros, ainda guardarmos, inconscientemente, memórias emocionais daquela época, através da memória coletiva ou da memória individual. Quando nossa memória fica presa ao passado, temos a sensação da dualidade. Sabemos quem somos, o que fazemos e qual a nossa missão, porém, involuntariamente, sentimos que algo nos prende. Questionamos, inclusive, nossa liberdade. Aprisionamo-nos em culpa e medo. Sufocamos. Entretanto, inacreditavelmente, a vida nos convida a seguir. E seguimos, muitas vezes, espiando à nossa volta, a procura da energia pesada que tenha o poder de nos deprimir.

Irlei Wiesel

Mulheres

A nossa luta é de séculos, a nossa missão é desenvolver a autoestima coletiva. Os tempos já foram muito difíceis. Sugiro a todas nós, que cada uma, no seu momento, solte a energia proveniente de crenças negativas em relação a nossa condição de mulher. Precisamos, juntas, criar uma consciência coletiva livre. Só assim, aos poucos, seremos individualmente mais tranquilas. A liberdade, muitas vezes, é conquistada após muitos séculos, portanto, devemos valorizar o que já foi feito e sejamos felizes! IRLEI WIESEL (Santa Maria \ RS) Coach \ Conferencista \ Escritora \ Psicoterapeuta www.irleiwiesel.com.br

M ARÇ O 20 13

A crença do passado

CANAL ABERTO

Mulheres, estou chocada!

9


Tiemy Caires

Moda não é só assunto de adulto.

INSPIRAÇÃO

Público infantil

Não e segredo que o mercado de moda infantil está superaquecido e tanto as marcas populares como as de luxo estão antenadas ao desejo dos consumidores. A exigência em qualidade, beleza e status, já comum ao público feminino e adulto, tem sido observado cada vez mais no publico infantil.

Tendência mercadológica

O mercado de luxo no país nunca esteve tão em alta e, essa tendência, não é diferente quando se fala em roupas e acessórios infantis. Desde os bebês (0 a 2 anos) até o público infanto-juvenil, protagonizam uma revolução em comportamento e estilo, sendo essa uma tendência que só tende a crescer. Com a independência feminina à maternidade, tem sido cada vez mais prorrogada – e idealizada – do que a 20 ou 30 anos atrás. Logo o aumento de grifes, opções e ofertas vão de encontro às mães que desejam se ver em seus filhos, ficando enlouquecidas com tantos mimos.

A moda

MA RÇ O 2013

Estampas em versões mirins, com mães e filhos vestidos iguais, virou mania entre as crianças. As mães não querem mais as estampas lúdicas e tradicionais de ursinho e de temática estritamente infantil, querem, também, estampar nas roupas o amor que sentem pelos filhos com sofisticação. Chupetas, mamadeiras, sapatinhos e afins, cravejados com joia ou em cristal Swarovisk, são objetos de desejo que chegam às lojas e deixam qualquer uma babando.

10

A sustentabilidade

O conceito de sustentabilidade e responsabilidade social é primordial em roupas tão modernas e sofisticadas. Macacões com tingimento em algodão natural são confortáveis, eco friendly e bonitos. Dessa forma as mães optam pelo diferencial, exclusivo, elegante e sofisticado, sem perder a sustentabilidade. Correm atrás do que veem na televisão e revistas, uma vez que são profundamente influenciadas pela mídia de como devem se vestir.

Na hora da compra

E preciso lembrar que, a moda infantil não pode se resumir a uma miniatura dos modelos adultos: a criança precisa de mais flexibilidade e conforto no vestuário. Cabe aos pais o bom senso na hora da compra, lembrando que, nunca se deve comprar porque, simplesmente, achou bonito, pois, o conforto, a utilidade e comprar o que cabe em seu bolso são essenciais. TIEMY CAIRES (Arujá \ SP) Empresaria BB BemBom


11

M ARÇ O 20 13


Bel Cesar

Quando um não quer, dois não brigam.

INSPIRAÇÃO

Diz o ditado popular

“Quando um não quer, dois não brigam”. Mas, como conviver com uma pessoa que quer sempre brigar? Existem pessoas viciadas na raiva: elas só conseguem se organizar após uma explosão emocional. Em nossa sociedade competitiva, os raivosos são vistos como pessoas fortes e os deprimidos como pessoas fracas. Na década de 1970, a raiva era considerada um sinal de saúde mental. O movimento feminista incentivava a mulheres a “entrar em contato” com sua raiva como forma de liberação. A técnica de socar a almofada ainda é vista por muitos como uma forma saudável de extravasar os sentimentos negativos. No entanto, descarregar a raiva traz apenas um alívio momentâneo, pois, a repetição da raiva reforça seus impulsos agressivos. Ou seja, expressando a raiva, aprendemos cada vez melhor a ser mais raivosos! Aquele que mais quer agredir é quem menos elaborou a sua dor. Torna-se fraco na medida em que precisa cada vez mais do outro para se distanciar da própria sombra. Já aquele que não quer brigar está decidido a cuidar da própria dor. Escolhe elaborá-la. Isso não quer dizer tornar-se passivo diante da agressão, mas, sim, assertivo. A clareza do que é injusto, inadequado e abusivo o guiará em seus comportamentos. Será necessário que ele se posicione frente ao agressor, para colocar limites e proteger-se.

MA RÇ O 2013

Por quê?

12

No entanto, aquele que cresceu em ambientes agressivos, servindo de base para as projeções alheias baseadas na raiva e na frustração, sente-se facilmente uma vítima culpabilizada. Afinal, foram tantos os condicionamentos de que “se ele” se comportasse como havia lhe sido dito, “tudo se acalmaria”. Quem convive sob a ditadura de uma pessoa violenta e mal humorada sabe o que estou dizendo! Todos sofrem sob a dinâmica da raiva. Aquele que vive mal humorado pode ser até corretamente interpretado como pessoa egoísta, narcisista ou imatura, mas, de pouco serve reclamar de suas inabilidades, se o seu sofrimento não for, também, reconhecido em suas necessidades. Todos precisam de ajuda. O

desafio é saber buscá-la no lugar e com a pessoa certa... Muitas vezes, aquele que agride não está desejando que o outro sofra, mas, sim, que ele assuma para si a responsabilidade da sua raiva. O mau humor e a raiva o deixam cego. Por isso é perverso: visa apenas destruir. Enquanto uma pessoa estiver reativa não há como ajudá-la. Será preciso aguardar até que surja uma pequena brecha de receptividade. Aliás, quando se perde o contato com o mundo interior, nada do mundo externo é capaz de nos transformar verdadeiramente. Sem receptividade não há empatia: quem sente raiva vê o outro apenas como um objeto no qual pode descarregar (pelo menos momentaneamente) seu desconforto. Mau humor constante, explosões de raiva e a falta de controle de impulso são sintomas de vários distúrbios mentais. Entre eles, há o Transtorno Explosivo Intermitente: devido a um desequilíbrio na quantidade de serotonina e testosterona no cérebro, a pessoa explode de modo profundamente exagerado em relação à causa. O importante é ressaltar que diante de tal distúrbio todos sofrem e cada um sabe como! O movimento feminista incentivava a mulheres a “entrar em contato” com sua raiva como forma de liberação. A técnica de socar a almofada ainda é vista por muitos como uma forma saudável de extravasar os sentimentos negativos.

A proteção

Mas, como fortalecer-se para não se tornar uma presa fácil da raiva alheia? Na medida em que conhecemos os mecanismos de ataque do agressor, podemos criar mecanismos de proteção. Mantenha em mente que o objetivo de quem agride é desestabilizá-lo! Portanto, não entregue a ele o papel de ser alguém capaz de julgá-lo corretamente, pois, ele irá acuá-lo ressaltando apenas seus defeitos até que você perca de vista seu potencial de força.

Se numa conversa o foco não estiver voltado para a solução de problemas, mas, sim, para seus pontos fracos, lembre-se de que se trata, então, de uma disputa de forças. O que era uma conversa, agora se tornou uma discussão. Então, lembre-se: o ataque pessoal é a última estratégia de quem está perdendo numa discussão. Aquele que se tornou grosseiro é porque não tem mais argumentos lógicos. Mesmo que não demonstre, ele está com medo e indefeso, por isso irá atacar antes de ser atacado. O melhor é cair fora, pois, sem receptividade as transformações positivas não podem ocorrer. Neste momento, é melhor pensar e (se possível) dizer: “Esta discussão não tem senso, portanto, desta forma não temos o que falar. A situação já está ruim, assim só vai piorar. Quando conseguirmos focar em como irmos para uma situação melhor, volto a conversar”. Devemos ouvir e registrar o que outro nos fala raivosamente, mas, iremos precisar recuperar a calma para refletir corretamente. Neste sentido, é melhor evitarmos colocar um peso extra sobre nós mesmos. Se já nos sentimos fracos ou, simplesmente, cansados demais para refletir, precisamos nos respeitar. Conhecer nossos limites e recursos é uma tarefa para a vida toda. Se permanecermos tempo demasiado em nosso circuito interno de emoções negativas, iremos nos intoxicar. Trancar-se em si mesmo por meio de uma postura autocondenadora só irá aumentar a sensação de solidão, suspeita e insegurança. Certa vez, Lama Michel Rinpoche disse: “Quando estamos sob pressão, temos que começar por tirar a expectativa alheia sobre nós e cultivar um relacionamento honesto com nossa própria expectativa”. Procure espairecer. Nossa mente precisa de espaço para se reorganizar. Se não souber como fazê-lo, busque ajuda daqueles que já superaram situações semelhantes. Assim como nos fala Lama Gangchen Rinpoche: “Trabalhe para manter o seu sorriso interior. Quando os outros o inundarem com informações negativas, não beba da sua energia: ela danifica o corpo tanto quanto uma substância intoxicante!”

BEL CESAR (São Paulo / SP) Psicóloga (pratica a psicoterapia sob a perspectiva do Budismo Tibetano).


13

M ARÇ O 20 13


SAÚDE E CORPO

Dr. Caruso

Mais um grande avanço no tratamento de obesidade. O que é “hCG”?

A “hCG” (sigla em inglês para Gonadotrofina Coriônica humana) é uma substância produzida pela placenta durante a gravidez em grandes quantidades, que foi descoberta em 1927 por Ascheim e Zondek, na urina das mulheres grávidas. O primeiro relatório do uso de “hCG” para o tratamento da obesidade foi publicado em 1954 pelo Dr. A.T.W. Simeons, um médico alemão. Enquanto trabalhava na Índia, observou que crianças obesas, ao serem tratadas com “hCG” com outra finalidade, durante o curso do tratamento tinham a distribuição de gordura corporal modificada. Assim ele chegou à hipótese de que, se essas crianças fossem submetidas concomitantemente a uma dieta bastante hipocalórica (baixas calorias) poderiam reduzir seu peso corporal ao consumir esses depósitos adiposos que estavam se mobilizando.

O tratamento

Estendeu posteriormente suas investigações a pacientes que apresentavam diversos graus de obesidade e, após 47 anos de estudos, concluiu que a “hCG” poderia ser útil para o tratamento da obesidade porque:

MA RÇ O 2013

• Os pacientes toleravam a dieta hipocalórica sem sofrer as cefaleias, irritabilidade e fraqueza, tão comuns nos tratamentos para baixar de peso. • O período de manutenção era mais efetivo em comparação aos procedimentos dietéticos simples. • A redução de peso era mais satisfatória que aquela obtida com as dietas hipocalóricas padronizadas. • Os pacientes perdiam mais gordura corporal (medida em centímetros) naquelas áreas onde os depósitos adiposos eram maiores e desnecessários. • Houve a preservação da massa magra (musculatura). O Dr. Simeons chegou a hipóteses de que a “hCG” atuava a nível cerebral, modulando os centros reguladores que, por sua vez, eram os responsáveis pelo acúmulo excessivo de

14

gordura que se observava na obesidade. Por muitos anos, o tratamento com “hCG” gozou de popularidade mundial graças aos excelentes resultados obtidos. A administração diária de “hCG” mais uma dieta hipocalórica ajudavam a perder peso rapidamente, sem efeitos colaterais ou secundários. Centenas de milhares de pacientes beneficiaram-se deste programa de perda de peso segura e eficaz. A obesidade tem alcançado proporções mundiais e a sociedade enfrenta agora um problema que causa mais sofrimento, enfermidade e morte que qualquer outra praga nos últimos trezentos anos. O uso de “hCG” pode ser uma alternativa saudável e segura para tratar os milhões de indivíduos que padecem de sobrepeso e obesidade. As investigações realizadas pelo Dr. Daniel Belluscio na “Oral hCG Research Center”, determinaram que o método da “hCG” é absolutamente seguro e efetivo. Ademais este procedimento satisfaz as expectativas dos pacientes de um tratamento contra a obesidade. Fácil de seguir e que pode melhorar radicalmente sua qualidade de vida sem efeitos secundários nem contraindicações. Este tratamento está disponível no C.E.S.A. – Centro Especializado em Saúde de Arujá, ministrado pelo Dr. Caruso, e onde você também pode contar com todos os recursos disponíveis para o combate à obesidade e para uma vida saudável: tratamentos coadjuvantes como fisioterapia, acupuntura, drenagem linfática, intradermoterapia, entre outros, e a Quali Physical, um centro de treinamento voltado para o exercício físico controlado e personalizado. CESA – Centro Especializado em Saúde de Arujá Dr. Caruso CRM: 64084 Pós-graduado em Obesidade Pós-graduado em Medicina Estética www.carusoclinicaemagrecimento.com.br


15

M ARÇ O 20 13


Dra. Juliana P. Tosato

SAÚDE E CORPO

Fisioterapia. Necessidade

Até muito pouco tempo atrás, muitas pessoas não sabiam exatamente para o que servia a Fisioterapia. Era comum ouvirmos comentários, como:“Fisioterapia é apenas para quando “quebramos” algum osso.” É fato que o trabalho da fisioterapia, após uma fratura, é bem comum e importante, mas, esse é apenas um dos infinitos campos de atuação do Fisioterapeuta.

Todo mundo pode precisar

Hoje em dia, o trabalho da fisioterapia já é bem conhecido e, praticamente, toda família tem pelo menos uma pessoa que já se submeteu a um tratamento desses. Em consultórios, clínicas, postos de saúde, hospitais, academias, clubes, escolas ou empresas, esse é um profissional cada vez mais frequente devido ao seu grande campo de atuação.

Alguns exemplos de atuação

Traumatologia, ortopedia, respiratória, cardiologia, neurologia, pediatria, saúde do idoso, dermatofuncional, saúde da mulher, desportiva ou prevenção, entre outros.

Do tratamento á prevenção

O fisioterapeuta possui uma bagagem científica que lhe permite utilizar diversos métodos e técnicas com o intuito de restaurar, desenvolver e manter a capacidade física do indivíduo.

Prevenir

Sempre é melhor do que remediar. A sociedade vem exigindo uma carga de trabalho e eficiência cada vez maior. Até conseguimos dar conta, porém, tudo tem seu preço e nosso organismo não passa ileso por isso. Essa sobrecarga pode se instalar no nosso corpo e provocar sintomas. A atuação da fisioterapia preventiva nessa hora é fundamenta, pois, objetiva evitar possíveis lesões.

Sonho

Costumo brincar que, meu sonho é o dia em que as pessoas tiverem como hábito consultar um fisioterapeuta para um “check up”, como fazem com seus médicos. Aprenderem posturas corretas, identificar desequilíbrios musculares, aprenderem exercícios compensatórios e identificarem precocemente alterações, pode ser decisivo para sabermos como sua saúde estará na 500° edição da “Ser Mais revista”!

MA RÇ O 2013

50° Ser Mais

16

Não posso terminar o artigo dessa edição,sem parabenizar a nossa “Ser Mais revista” pela sua quinquagésima edição. Unidos desde o começo:Eu, você leitor e a equipe da revista, temos todos os motivos para comemorar. Muita informação passou por aqui e juntos pudemos aprender, dar risada e nos emocionar ao ler cada matéria escrita com tanto carinho. Valeu Ser Mais... DRA. JULIANA DE PAIVA TOSATO (Arujá \ SP) Fisioterapeuta (doutorada pela FOP/UNICAMP) – Crefito 3-72697-F JPT Saúde e Bem Estar


17

M ARÇ O 20 13


SAÚDE E CORPO

Marcia Maria

As tendências para a nova estação Outono\Inverno 2013 As tendências

Bem sabemos que, a nova coleção de moda e de cabelos vem revolvendo o passado, buscando nos anos 40, 50 e 60 a sua inspiração. Esse movimento deverá perdurar, com esse apelo, até 2016.

A pesquisa

Portanto, vamos pesquisar nessas épocas o que pudermos aproveitar, adicionando em nosso dia-a-dia algumas de suas características, como o volume nos penteados que resgatam a beleza e a sedução de Marilyn Monroe ou de Audrey Hepburn ou entre outras atrizes que marcaram essa época.

Mulher antenada

O corte reto, com ligeiro degradê, vai garantir a sofisticação e a elegância da mulher antenada desta estação, podendo ser com volume modelado por escova ou modelador térmico. Há de ser citada a importância do uso de finalizador, que garantirá os modelados e a proteção dos fios contra a agressão do calor excessivo dos aparelhos, como: secador e prancha.

O destaque

A Coleção que darei destaque nessa matéria é da “Haute Coiffure Française” que nomeou em V.O. Versão Original – é uma releitura dos anos acima citados onde prezam a mulher glamorosa, elegante e acessível, a mulher dos anos 50, repaginada, prova de maneira impressionante a sua atemporalidade, anunciando o grande retorno dos cabelos leves e volumosos.

Os cortes

Cabelos desfiados, mecha a mecha, vão criar um volume extravagante e glamoroso. O Corte extremamente feminino, até a altura do ombro, desestruturado em todo o seu comprimento, ostenta um tom de loiro angelical ou cabelos com raízes mais escuras, pontas claras e delicadamente desfiadas em um corte reto ou ainda mechas acobreadas dão ainda mais charme ao corte.

MA RÇ O 2013

O colorido

18

Qualquer que seja o seu desejo de colorir os cabelos, seja num corte curto ou seja num corte longo, sempre escolha um profissional que vai colorir através de técnicas atualizadas e com produtos de primeira linha – a L´Oreal tem INOA a coloração sem amônia que colore protegendo os cabelos e o couro cabeludo. (veja no site www.hcfdobrasil.com.br - os salões que detêm essa tendência genuinamente vinda de Paris).

MARCIA MARIA (Arujá\SP) Empresária Studio Marcia Maria Presidente da HCF do Brasil. / www.hcfdobrasil.com.br www.marciamaria.com.br


19

M ARÇ O 20 13


Fabricio J. Araujo

SAÚDE E CORPO

A melhor hora é agora. O jeito brasileiro

À condição de “deixa para depois” damos o nome de procrastinação, que pode ser entendida como: adiar, prorrogar, retardar, protelar e, num trocadilho mais popular, escapar da responsabilidade que deveria ser cumprida agora. Esse é o famoso “jeitinho brasileiro” de deixar tudo para a última hora.

Nosso condicionamento

Se a pessoa tem um trabalho a ser feito, por exemplo: uma monografia ou um relatório, enfim, porque já não o faz e termina logo com isso? A explicação é simples: desde criança já somos condicionados a isso. Toda criança adora brincar, não se sente cansada jamais de fazer aquilo que gosta, não existe a menor ideia de deixar uma brincadeira para depois, porém, se o assunto é guardar os brinquedos ou organizar o quarto, a realidade já é outra, pois, ninguém quer aquelas tarefas chatas, então, desde pequenos já passamos por isso e com o passar dos anos a tendência é aumentar, pois, as responsabilidades aumentam e a vida não é só brincadeira mais, temos que trabalhar.

O hábito

Com o aumento de responsabilidades, começa, então, as tão bem elaboradas desculpas para se deixar para depois. A procrastinação se apresenta de diversas maneiras e as mais comuns são: a indecisão e o medo. Muitas pessoas se paralisam diante de algo a ser feito, aí então “o deixar para depois” torna uma maneira de anestesiar-se frente a realidade, porém, de nada adianta, pois, a tarefa não vai desaparecer. O ideal é sabermos o que realmente é importante e resolver o quanto antes possível. Muitas vezes, este hábito de “deixar para depois” se mostra quando a pessoa não faz o que gosta, ou seja, esta na profissão errada ou trabalha com pessoas erradas, porém, isso tem que partir do próprio ser, percebendo e resolvendo a situação. O grande problema é que, na maioria das vezes, esse fato gera a tal procrastinação e a pessoa se vê como em uma bola de neve, a qual só aumenta com o passar do tempo. Outras pessoas usam até a desculpa de que trabalham melhor sob pressão, mas, não se engane, a pressão, o desespero é um freio para mente criativa e faz com que as ideias não se organizem da melhor maneira.

MA RÇ O 2013

A luta íntima

20

Vencer o medo, esta é a resposta. Só se consegue vencer a procrastinação com um planejamento estratégico pessoal e profissional, o que, num primeiro momento, pode parecer difícil, mas, com treino se torna muito fácil e necessário. Basta colocar em um papel as tarefas, o que não faz com que a pessoa se limite àquilo, lembrando bem que é um planejamento, o qual não impede de maneira alguma que algo seja adaptado, pois, é só um roteiro, entretanto, tão importante como fazer uma lista das tarefas, é dar um prazo para as mesmas (dias, semanas, meses) que, após isso, devemos organizá-las, elaborando planos bem definidos de como realizá-las. Lembre-se que, o mais importante é fazer hoje o que deve ser feito hoje, jamais se enganar. A vida passa e se deixarmos para viver só amanhã, o amanhã pode não chegar, pois, não existe a hora certa, a melhor hora é “agora” e o melhor lugar é “onde você está”. Assim já diz a canção: - “Então viva, corra atrás com as ferramentas que você já tem, mesmo se achar que são poucas, não pare no meio do caminho, sempre se conquista ferramentas novas e melhores, não perca o foco jamais, seja corajoso, de nada adianta não fazer agora, pois, tem que ser feito, então faça”. FABRÍCIO JOSÉ ARAÚJO Dr. – CRO\SP.80665 (Arujá \ SP) Cirurgião Dentista \ Implantodontista \ Diretor Clínico e Responsável Técnico Fabrício Implantes


o

v o N

Salas Reestilizadas

Nova Estrutura Interna

Recepção Ampla e Climatizada

Visite nosso site: www.fabricioimplantes.com.br

Três Novos Profissionais

Tel.: (11) 4653 - 1361

M ARÇ O 20 13

Endereço: Av. dos Expedicionários, 1.084 - Centro - Arujá (em frente rotátoria da rodoviária).

21


Ana Carolina Menegatti

SAÚDE E CORPO

O que é terapia com Laser? O que é?

O Laser (do inglês “Light Amplification by Stimulated Emission of Radiation”, ou seja, Amplificação da Luz por Emissão Estimulada de Radiação) tem sido muito utilizado como um instrumento não invasivo, capaz de auxiliar no combate dos mais diversos tipos de condições dolorosas relacionadas com lesões musculares, articulares e nervosas, além das já conhecidas aplicações estéticas e dermatológicas. O Laser terapêutico passa gentilmente através da pele sem rompê-la, sem provocar desconforto e, principalmente, sem efeitos colaterais.

Como atua?

O laser atua nas diferentes lesões da seguinte maneira: - Efeito Analgésico: bloqueia as fibras nervosas que conduzem a dor, e estimula a produção de substáncias que promovem seu alívio (endorfinas). - Efeito Cicatrizante: acelera a cicatrização, pois aumenta a produção de colágeno. - Efeito Anti-inflamatório: diminui o inchaço e facilita o processo de cura.

Laser e fisioterapia

Os avanços na tecnologia fizeram do Laser um recurso adicional às técnicas fisioterapêuticas. De aplicação rápida, segura e eficaz pode ser utilizado nos mais diversos tipos de afecções como: - Artrite, artrose, osteoartrose (artrite reumatoide e lesões articulares em geral); - Lesões ligamentares; - Lesões musculares (contraturas, distensões e espasmos); - Tendinopatias, tendinites, tenossinovites (tendinite de calcâneo, tendinite patelar, entre outras); - Bursites; - Regeneração de feridas; - Nevralgias (nevralgia do trigêmeo, por exemplo); - Dores crônicas e agudas; - Lesões nervosas periféricas (neuropatia diabética, por exemplo); - Dores na coluna (lombalgia, cervicalgia etc...).

MA RÇ O 2013

Contraindicações

22

Poucas são as contraindicações no uso do Laser, entre elas estão: aplicação sobre a retina, neoplasias, processos infecciosos e sobre tecidos especializados como ovários e testículos. É importante ressaltar que, qualquer recurso eletrofototerapêutico utilizado na fisioterapia, como: o TENS (ou famoso “choquinho”), Ultra Som, Ondas Curtas e Laser, deve ser utilizado por um profissional habilitado com conhecimento técnico sobre o equipamento e sobre seus efeitos no organismo, pois, os parâmetros dos aparelhos devem ser ajustados de acordo com cada pessoa. Assim, o resultado será eficaz quando houver uma detalhada avaliação fisioterapêutica que identifique o problema principal e elabore um plano de tratamento individualizado. ANA CAROLINA MENEGATTI (Arujá\SP) Fisioterapeuta - Crefito 69789-F Especialista em disfunção vertebral Mestre em Biomecânica do movimento humano – USP NOVAFORMA Fisioterapia


23

M ARÇ O 20 13


Andrea Pavlovitsch

SAÚDE E CORPO

Nossas perguntas sem respostas. Sonho de criança

Quando eu era criança, adorava Indiana Jones. Os filmes dele me fascinavam. Não era só o jeito sexy que ele se livrava das mais sinistras situações, mas, a maneira como ele pensava, pesquisava e chegava à verdade. Depois de assistir “Caçadores da Arca Perdida” uma centena de vezes eu decidi: quero ser arqueóloga. A ideia de investigar o passado me dava até cócegas nos pés. Eu amava a matéria História na escola (tirava as médias mais altas do colégio) e nem precisava estudar. Eu só escutava as histórias contadas pela professora e lia tudo com muita, muita atenção. Nesta época descobri que a única maneira de ir muito bem na escola era assim, interessando-se demais pelo assunto em questão. Hoje, eu traduzo isso para um sonoro: “só trabalhe com o que você gosta ou diga adeus ao sucesso”. É mais ou menos isso!

Realidade de adulto

Mas, o que eu não gosto, aliás, o que me tira o sono é saber que certas histórias nunca foram contadas. Que nunca saberemos certas coisas que aconteceram na história do mundo e do Brasil. Sempre que a professora chegava a um “isso ninguém sabe”, eu pensava: “como assim”? Então uma parte da história se perde e fica por isso mesmo? Mas, é importante saber isso porque o passado explica quem nós somos hoje. E é nisso que eu acredito, até hoje. Eu não me tornei arqueóloga ou paleontóloga ou coisa parecida, mas, me tornei um tipo de desbravadora da alma humana. Quando um cliente senta na minha frente, o que preciso pesquisar é onde está o ponto, aquele ponto que mudará tudo. O ponto em que ele foi abandonado, o ponto em que ele entendeu qualquer coisa errada, o ponto da dor, do trauma do passado, da falta de amor que, muitas vezes, uma criança não sabe administrar. E, claro, quando ela não sabe, leva isso como uma verdade para o resto da vida.

MA RÇ O 2013

Nosso comportamento

24

Algumas histórias nas nossas vidas são assim: não adianta investigar o porquê, muitas vezes, elas nem ao menos estão prontas para serem mostradas. São aquelas palavras que não adiantam ser repetidas e são as perguntas que não terão uma resposta, porque a pessoa morreu ou porque a situação foi há muitos anos ou porque você sabe que, simplesmente, não adianta mais perguntar. Algumas respostas, simplesmente, não existem, pois,elas são como os tesouros encontrados por Indiana Jones, o perdido cálice sagrado. É o Santo Graal, como, muitas vezes, foi colocada por Jung dentro do estudo da Alquimia, é encontrarmos os pedaços perdidos de nossas almas. Mas, de um jeito ou de outro,

não adianta procurar isso em outras pessoas, talvez, só precisamos admitir que não nos competia ou compete saber a resposta eque, talvez, só o que vemos no presente nos basta para entendermos o que morreu, o que passou, o que não faz mais parte da nossa vida. A vida é um ciclo eterno de renovação, o tempo todo ela se recicla, deixa o velho e manda entrar o novo, mas, nós, humanos, não somos assim tão capazes e tão atentos a estas mudanças. Apegamo-nos aos comportamentos antigos, às crenças já ultrapassadas, deixamos nossa velha mente (sempre ela, a velha que mente) nos dizer o que é certo ou errado.

Evolução não para

Um processo terapêutico é justamente uma maneira de responder as perguntas por você mesmo, sem precisar de mais ninguém. Será que ele me amou de verdade? Por que ele não disse a verdade? Por que ela finge que nada aconteceu? Como as coisas realmente aconteceram? Muitos e muitos outros porquês. E, algumas vezes, precisamos nos desapegar das respostas, para que elas apareçam para nós. Algumas coisas são compreensíveis, outras não e não cabe a nós decidir. Precisamos, tão somente, que nossa alma faça o seu trabalho e nos leve para frente, sempre no caminho de uma evolução que é impossível de parar. A evolução não pode parar pelas suas respostas mal respondidas ou por suas perguntas sem respostas. Simplesmente aceite e siga em frente, sempre. ANDREA PAVLOVITSCH (São Paulo / SP) Psicóloga \ Espiritualista \ Conselheira \ Colunista da revista: Mulher Executiva


25

M ARÇ O 20 13


SAÚDE ANIMAL

Bruno Calzavara

Fatos sobre gatos que você, provavelmente, não sabia. Os felinos

Bonitinho, fofinho, misterioso e taciturno. O gato possui muitos admiradores, porém, seu jeito misterioso de ser não é uma unanimidade. É conhecido por sua beleza e arrogância. Dúvidas sobre o seu felino favorito? Conheça coisas que você, provavelmente, não sabia sobre eles:

Gato é bebedor peculiar

Gato é propenso a engordar

O ser humano não é a única espécie com problema com a balança (Garfield que o diga). Nossos animais de estimação estão ficando cada vez mais gordos. Cerca de 54% dos cães e gatos domésticos estadunidenses estão com sobrepeso ou são obesos. Em números brutos, são cerca de 50 milhões de gatos rechonchudos. A maioria dos gatos que vive em ambiente fechado faz pouca atividade aeróbica, o que significa que eles precisam de muito pouco em termos de calorias. Um gato de 4,5 quilos, por exemplo, necessita de cerca de 180 a 200 calorias por dia. A obesidade chega quando o felino ingere bem mais do que isso. Uma porção da comida para gato, por exemplo, possui, em média, 381 calorias.

Quando você assistir a um gato tomando água ou leite, saiba que está assistindo a um processo delicado. Em vez de, simplesmente, “escavar” o líquido para a boca, como o cão faz, o gato toca a ponta da língua na superfície do líquido, criando uma coluna que se estende quando ele puxa a língua para trás. Logo antes de a gravidade superar o movimento ascendente da língua do gato, enviando o líquido de volta para baixo, o felino fecha seu maxilar, capturando o gole. Em cada um desse processo, o gato doméstico engole cerca de 0,1 mililitros de líquido. Com quatro lambidas por segundo, ele consegue beber cinco colheres de chá (24 ml) a cada minuto.

MA RÇ O 2013

Gato tem um pênis perigoso

26

O gato possui uma característica curiosa em seu órgão genital: centenas de espinhos. Ninguém sabe ao certo para que servem esses espinhos de milímetros de comprimento. Especula-se que eles possam melhorar o estímulo sexual para o macho ou, talvez, evitar que o pênis escorregue para fora da vagina da fêmea durante a ejaculação. De acordo com um estudo de 1967, a gata só ovula após a estimulação genital, então, é possível que as espinhas penianas desempenhem um papel importante no sentido de garantir a ovulação. Gato macho castrado cedo, entretanto, geralmente não desenvolve os espinhos no pênis. Isso porque os espinhos crescem em resposta aos hormônios masculinos. Quando um gato é castrado, seu nível de androgênio despenca e os espinhos ou não se desenvolvem ou se retraem.

Gato tem uma péssima memória

O gato se lembra de obstáculos em seu ambiente por cerca de 10 minutos, de acordo com um estudo de 2007. Além do mais, o gato tem uma memória muscular melhor do que visual. Quando os cientistas impediram o movimento de gato doméstico após as suas pernas dianteiras terem superado um obstáculo, mas, antes que levantassem as pernas de trás, o felino só se lembrou de que teria de superar o obstáculo novamente nos dez minutos seguintes. Quando o gato via o obstáculo, mas estava distraído com a interrupção dos pesquisadores, ele se esquecia do obstáculo.

Gato controla a sua mente

É verdade, dono de gato: seu bichano está no comando. Alguns gatos têm aperfeiçoado um ronronar agudo infalível ao ouvido humano. Um estudo de 2009 descobriu que o ser humano considera essa mistura de alegria e agressividade difícil de ignorar. O gato tende a usar esse recurso quando quer comida e o seu proprietário recebe a mensagem e atende ao pedido do bichano. Quem tem gato em casa sabe do que eu estou falando, certo? BRUNO CALZAVARA (Curitiba \ PR) Estudante de Jornalismo na Universidade Federal do Paraná @brunocalzavara bruno@hiperciencia.com


27

M ARÇ O 20 13


Gustavo Lemes

Etanol x Gasolina: mitos e verdades.

INOVAÇÃO

O abastecimento

Desde que foi lançado em 2003, o carro flex vem dominando o mercado e ampliou as opções dos motoristas. A maioria das fábricas oferecem os modelos com os dois combustíveis: etanol e gasolina. O etanol sempre foi mais barato, se comparado a gasolina, o que gera a ilusão de economizar abastecendo com ele. Mas, será que é sempre vantagem abastecer seu automóvel com o etanol? A resposta é não.

O consumo

MA RÇ O 2013

Por mais que seja mais barato, o etanol tem desempenho inferior ao da gasolina, ou seja, gasta mais para rodar a mesma distância que a gasolina. Em números, isso quer dizer que um carro abastecido com etanol consome 30% a mais de combustível. Por isso, só há vantagem em colocar etanol no automóvel se o custo do combustível for de até 70% do preço da gasolina. Para verificar quando vale a pena, basta fazer uma simples conta: divida o valor do litro do etanol pelo da gasolina. Se o resultado for menor que 0,7, use o etanol. Se maior, escolha a gasolina. Exemplo: o valor do etanol a R$ 1,45 e o da gasolina, R$ 2,90. Esse resultado da divisão, do primeiro pelo segundo, é igual a 0,5, que é menor que 0,7 (70%). Logo, é mais vantajoso abastecer com etanol. Vale lembrar que, a vantagem da gasolina em autonomia é aplicada a todos os veículos, seja 1.0 ou 2.0. Também, não há influência de outros fatores que consomem mais combustível, como o uso do ar-condicionado, carro pesado, trânsito ou trecho de serra.

Referente ao motor

Há muitas histórias dizendo que, é melhor abastecer o carro com gasolina do que etanol, pois, ele não é tão “bom” quanto a gasolina. Já ouviram falar, também, que o carro se acostuma com um dos combustíveis ou, ainda, que caso abasteça o carro constantemente com etanol, deverá abastecer algumas vezes com gasolina. Para especialistas e montadoras isso é mito! Com a tecnologia atual, em relação à manutenção e desgaste de peças dos carros com motor flex, não há diferenças perceptíveis ou problemas gerados no abastecimento para qualquer proporção etanol\gasolina. O que mecânicos lembram é que, fazer a transformação, ou seja, quando o carro não vem original da fábrica nesse formato bi combustível pode gerar problema. Hoje em dia é outra realidade. Prova disso é que os carros flex com etanol não precisam mais esquentar antes de começar a rodar.

Qual polui mais?

- O Etanol: Composto por hidrogênio, carbono e oxigênio. Também chamado de álcool etílico, é produzido por fermentação a partir da cana de açúcar, ou seja, é um combustível não derivado do petróleo, só por isso já leva vantagem: sua queima emite menos gases poluentes na atmosfera. O seu poder calorífico é 6300 cal/g, esse valor representa a capacidade do combustível de liberar energia ao ser queimado. No caso do etanol o valor é alto, o que significa que ele é capaz de mover o carro com menos combustível queimando, o que reflete em menos poluentes. O etanol é um combustível que não afeta a camada de ozônio. - A Gasolina: composta basicamente por hidrocarbonetos (carbono e hidrogênio). Apresenta como produtos de sua combustão: dióxido de carbono e monóxido de carbono. O dióxido de carbono (CO2) é um gás perigoso que contribui para o efeito estufa e o aquecimento global. Já o monóxido de carbono (CO) é um gás formado pela combustão incompleta e se acumula em nossa atmosfera na forma de um poluente (smog = neblina escura). Ambos são maléficos à humanidade.

Conclusão

Se você quiser, de alguma forma, contribuir com o meio ambiente, pode começar ao escolher o combustível quando do abastecimento. Para esta finalidade, o etanol é a melhor opção. GUSTAVO LEMES (São Paulo\SP) Artigonal

28


29

M ARÇ O 20 13


Graziella Marraccini

Um raio sobre o Vaticano

CONSCIÊNCIA

Emoções

Tenho certeza que assim como eu, todos vocês (ou pelo menos os cristãos) ficaram estarrecidos com a notícia da renúncia do Papa Bento XVI. A segunda feira, dia 11 de fevereiro de 2013, ficará na história para sempre. Algo inusitado, pelo menos que eu me lembre! A figura do Papa representa, para mim (que fui criada na religião católica na Itália) e para o mundo cristão, uma verdadeira fortaleza sobre a qual se apoiam todos os dogmas do catolicismo. Como podia um Papa renunciar? O que isso significa?

O mapa astral

Num primeiro momento, fiquei estarrecida, depois me debrucei sobre o Mapa Natal do Papa para ver se conseguia entender melhor sua personalidade. Joseph Ratzinger nasceu em 16\abril\1927, às 04h14, na cidade de Marktl, Bayern, Alemanha. Ele tem o Sol a 25º de Áries, na Casa 1 (Liderança), o Ascendente a 18º de Peixes, com Júpiter em conjunção (religiosidade e misticismo), Mercúrio em conjunção com Urano na primeira casa, (pensamentos reformadores, mas, científicos) sendo o primeiro a 28º de Peixes e o segundo a 0º50 de Áries. Mercúrio e Júpiter em conjunção lhe conferem habilidades para línguas (ele fala seis línguas e ainda toca piano clássico). O Meio do Céu (carreira) se encontra em Sagitário e o Nodo lunar (carma - missão) está em conjunção com o MC. Ainda Saturno se encontra em Sagitário na Casa 9 do mapa (filosofia, justiça e religião). A Lua se encontra em Libra na Casa 7 (relação com o social). Eu diria que esse mapa denota uma personalidade profundamente religiosa e mística (Peixes e Júpiter), mas, do tipo conservador e indica uma pessoa estudiosa, em busca constante para os questionamentos da humanidade e da evolução do espírito sobre a matéria. Filósofo, professor e com uma tendência a ser profundamente tradicional em suas convicções (Saturno em Sagitário), é, também, uma pessoa refinada e amável (Lua em Libra). Neste mapa, aparece claramente que essa pessoa iria galgar altos postos, seja em ambiente religioso, acadêmico ou jurídico (Júpiter no Ascendente é regente do MC) ou até mesmo político. Mas, a renúncia seria um ato de coragem sagitariana ou uma fuga pisciana? Ele possui Netuno, regente do Ascendente na Casa 6 - área do trabalho. O retiro seria um ‘sacrifício voluntário’?

MA RÇ O 2013

A decisão

30

Creio que a decisão de renunciar tenha sido elaborada há algum tempo, pelo menos três anos, quando Urano estava em trânsito em Peixes e passou ainda sobre o seu Ascendente fazendo, posteriormente, uma conjunção com o Urano Natal. Muitas pessoas idosas se ‘desligam’ do mundo nesta idade e eu já escrevi algum artigo sobre esse assunto. Portanto, se não aconteceu antes é porque o tempo no astral não estava maduro. Ele esperou a configuração no signo de Peixes para fazer esse anúncio, no início da Quaresma. Vocês

se lembram dos recados dos médiuns da Era de Cristal que anunciavam a transição energética que estaria justamente chegando ao seu ápice em meados de fevereiro? (Leiam sobre a Era de Cristal) E Jesus, o Cristo, anuncia no livro “Cartas de Cristo” (na pag. 181): -”Em segundo lugar, vim, também, para ajudar as Igrejas a deixarem suas noções arcaicas de Deus e do pecado”. “Nenhum verdadeiro progresso espiritual é possível até o surgimento de uma clara compreensão de que, cada pessoa é responsável pela maneira como se desenvolve a sua vida”. Leiam essa Carta, leiam o livro e reflitam! Nada acontece por acaso. Não existe acaso no universo.

Reflexão

Então, caros leitores, cheguei a uma conclusão: o Papa atual está fazendo um sacrifício voluntário (pisciano) para o bem da Igreja, para permitir que ela se modifique visando uma melhor adaptação para o tempo moderno onde estará sendo estabelecida uma nova visão do Cristo. Nada é coincidência. Tudo é sincronicidade e, mesmo se não o compreendemos imediatamente, veremos o resultado se materializando aos poucos, na medida em que a egrégora da Igreja se modificar. Existem algumas pessoas nesse mundo que são particularmente escolhidas para estarem no lugar certo no momento certo. Um novo Cristo, um novo Messias está a caminho. Não como o Cristo da era de Peixes. Talvez, nem mesmo venha com o corpo físico. Mas, virá certamente um Novo Cristo sacudir as colunas do templo atual que irá ruir, assim como ruiu o templo de Salomão! A Era de Peixes está no fim e a Era de Aquário no Alvorecer. A transição será dolorosa, mas, necessária. Sobre as ruínas do templo se erguerá uma nova Igreja. Não se agarrem aos seus dogmas. Quem se conectar e aceitar essa transformação renascerá com um novo “corpo/ espírito”, mais adaptado à evolução que se prepara para nossa humanidade. Ele, Bento XVI está no lugar certo, na hora certa. E tenho certeza que ele sabe disso. Ele prefere descer da Cruz, diferentemente do Papa João Paulo II (que era taurino) porque, nesse ato, cumpre uma missão, transmitindo um recado de humildade e de aceitação. Não me cabe julgar esse ato, mas, somente refletir sobre ele. O início da Quaresma não foi escolhido por acaso. Marte, a Lua e Mercúrio estavam em conjunção com Netuno no signo de Peixes. Reflitam: quantas vezes nós temos vontade de “renunciar” diante de algo que parece nos sobrepujar? Não seria, então, esse ato necessário para fazer a Igreja mudar finalmente de rumo? Lembremos, por último, que Saturno está em trânsito em Escorpião e que esse signo significa “morte e renascimento” na simbologia astrológica. Então, estamos prontos para essa transformação? Saturno pede atitude. GRAZIELLA MARRACCINI Empresária / Astróloga www.astrosirius.com.br


31

M ARÇ O 20 13


Guilherme de Souza

Qual a diferença entre: asteroide, cometa, meteoro e meteorito?

CONSCIÊNCIA

Emoções

O dia 15\fevereiro\2013 (Sexta-feira), foi um dia de emoções fortes para os habitantes da Terra: algumas horas depois de um meteorito explodir na Rússia e deixar mais de mil feridos, um gigantesco asteroide passou “perto” do nosso planeta. Em meio a esses eventos, muitas pessoas ficaram curiosas a respeito dos diversos corpos celestes (asteroides, cometas, meteoros) que “habitam” o sistema solar.

meteoroide do tamanho de um campo de futebol atinge a superfície da Terra. - A cada alguns milhões de anos, aparece um corpo espacial grande o suficiente para ameaçar a humanidade, caso atinja o planeta. - Há gigantescas crateras provocadas por esses corpos em outros planetas. - Meteorito raro encontrado por agricultor americano vale 6 milhões de reais.

Quais as diferenças entre eles? - Asteroide Um corpo rochoso inativo, relativamente pequeno, que orbita o sol. - Cometa Um corpo composto por rocha e gelo, às vezes ativo. Quando o gelo é vaporizado pelo calor do sol, forma-se uma espécie de atmosfera em torno do cometa e, se o objeto estiver em movimento, forma-se uma “calda” de poeira e/ou gás. - Meteoroide Um pedaço de um cometa ou asteroide que orbita o sol. - Meteoro Grande corpo rochoso que, quando entra na atmosfera terrestre, queima e, dependendo do tamanho, se desintegra antes de atingir a superfície do planeta. - Meteorito Um meteoroide que consegue passar pela atmosfera terrestre e atingir a superfície do planeta.

Se um corpo celeste tiver uma largura menor do que 25 metros, é muito provável que se queime na atmosfera terrestre sem causar qualquer dano significativo ao planeta. Agora, se um meteoroide tiver mais de 25 metros até um quilômetro de largura, é provável que chegue a danificar consideravelmente a área de impacto e seus arredores.

MA RÇ O 2013

Notícias divulgadas

32

- Garoto é atingido por meteorito a 48 mil km/h. - Segundo dados divulgados pela NASA, diariamente a Terra é “bombardeada” por mais de cem toneladas de poeira espacial e partículas do tamanho de grãos de areia. - Astrônomos amadores testemunham Júpiter sendo atingido por um meteoro - Cerca de uma vez por ano, um asteroide do tamanho de um carro médio atinge a atmosfera terrestre. - A cada 2 mil anos, em média, um

Tamanho é documento

Acredita-se que, qualquer corpo celeste maior que isso poderia causar efeitos globais. Para se ter uma ideia, asteroides encontrados no cinturão entre Marte e Júpiter (não se preocupem, não representam uma ameaça à Terra) podem ter mais de 940 km de largura. Calcular a órbita de corpos celestes como cometas e asteroides é um trabalho complexo e, como depende de observações feitas em épocas diferentes, pode ser demorado. Contudo, novas tecnologias e novos dados coletados facilitam o trabalho cada vez mais. GUILHERME DE SOUZA (CURITIBA PR) Jornalista \ Ilustrador gsouzaprguilherme@hiperciencia.com


33

M ARÇ O 20 13


MATÉRIA DE CAPA

A nossa jornada. 50a Edição

O número

50 é um número natural. Cardinal: cinquenta. Ordinal: quinquagésimo. Na ciência O número atômico do estanho O 5º número mágico na física nuclear.

MA RÇ O 2013

Na religião No Kabbalah há 50 Portões da Sapiência (ou Entendimento) e 50 Portões da Impureza. O número tradicional de anos em um período de jubileu. Número de capítulos do livro bíblico de Gênesis O número 50 é Pentecostes (em grego, significa: quinquagésimo), o do advento do Espírito Santo. Daí que se diga em Atos (2,1): “Chegando o dia de Pentecostes...” É também o número da penitência dos pecadores: esse é o número do salmo penitencial por excelência.

34

Em outros campos A distância focal, em milímetros, das lentes típicas na fotografia em 35 mm. O verso da nota de 50 reais é a Onça Pintada A moeda de 50 centavos é a mais pesada e grossa das moedas da 2ª família. Na medida métrica é a metade: 50 centímetros (meio metro). Em anos de casamento, é conhecido como Bodas de Ouro. Um homem de 50 anos de idade é considerado um homem de meia idade.


A sua importância

Discorrido tudo isso sobre o número 50, pode-se perceber claramente o motivo desta nossa euforia e comemoração ao atingirmos a 50ª (quinquagésima) edição da SER MAIS Revista. Se o número cinquenta é representativo para o mundo, não poderia deixar de ser para nós. São 50 meses de dedicação, de luta, de desempenho e de muita alegria, ao poder levar ao público leitor os nossos propósitos, ou seja: leitura de primeira qualidade com enfoque em assuntos compatíveis com o limiar de uma nova era, incluindo informações atuais nos campos de: moda, saúde, escolar, ciência, tecnologia, construção, diversão, gastronomia e psicologia. Enfim, cumprir o nosso lema: ”Não basta ser revista, tem que SER MAIS.”

Nada disso seria possível sem o cooperação de nossos parceiros, tanto no âmbito interno da empresa (nossos funcionários) quanto do externo (nossos anunciantes). Ao longo desse tempo várias alterações ocorreram, o que é muito natural pelo dinamismo da vida profissional. Podemos comparar com uma locomotiva que vai seguindo o seu caminho determinado, sempre em frente para atingir o seu objetivo, apenas parando em cada estação (representando cada edição) para a subida ou a descida de passageiros ou de tripulantes que assim o desejarem (representando os anunciantes e os funcionários) e ela (locomotiva = revista) segue resoluta em sua jornada sob o comando de seus líderes e com a participação de seus parceiros fieis e dos esporádicos.

Objetivo maior

Entretanto, o centro da atenção se direciona, com toda a força, para o elemento principal e imprescindível que provoca todo esse movimento: “o(a) leitor(a)”. De que adiantaria todo esse esforço se não tivéssemos a presença silenciosa do(a) leitor(a) que, num ato solitário se dedica a ler e a acompanhar as nossas editorias, obedecendo a um ritual mensal, usufruindo dos assuntos veiculados a seu bel prazer. Dando, assim, o respaldo necessário para o sucesso da revista.

Comemoração

Como diz o filósofo Mário Sérgio Cortella: -“A palavra comemorar remete quase sempre ao verbo festejar, entretanto, comemorar significa memorar com outros ou, em outras palavras, lembrar junto, o que não implica em ser, com exclusividade, uma recordação festiva.” Pegando este gancho, estamos aqui para lembrar junto esse nosso feito, caros leitores, promovendo uma recordação festiva para este memorável momento de nossa vida profissional, pois, na cidade de Arujá, é a primeira revista a atingir esta marca: “50ª. edição”.

M ARÇ O 20 13

As parcerias

Parabéns à SER MAIS Revista. Parabéns aos nossos parceiros. Parabéns aos nossos leitores. 35


Jaime Benedetti

O despertar de uma consciência!

MA RÇ O 2013

CONEXÃO

A minha história

36

Sinto em minha alma, cada vez mais forte, a necessidade de passar minhas experiências de vida, meu processo de iniciação espiritual com o intuito de inspirar, estimular e motivar à todos para realizarem a sua busca de crescimento pessoal e espiritual. O processo é individual, mas, o resultado é universal! Oriundo de uma família tradicional e poderosa, fui criado com valores estritamente materialistas, convivendo em um ambiente marcado por conflitos e lutas pelo poder sem a base amorosa e espiritualista. Acreditei que o meu destino era de ser o empresário número 1, muito rico e poderoso! Com este roteiro definido, persegui exaustivamente esta meta! Após a morte do meu pai, entrei em férrea competição pelo poder da empresa familiar e após muitos conflitos, traições, dores e sofrimentos, alcancei a meta desejada: Tornei-me o detentor de todo o poder, o número 1 da empresa familiar! Totalmente despreparado e com o ego cego pelo poder, levei a empresa à falência! Foi o início de 9 anos de total dor e desespero: acusado de incompetente pela família e pelo grupo social; perda de todos os bens materiais; destruição do meu casamento; afastamento dos meus filhos; ações judiciais; traições que caiam sobre mim como uma cachoeira de sangue; ameaças de prisão; vergonha, revolta e ódio! Tudo destruído! Tudo acabado! Com o revolver engatilhado, por mil vezes pensei em dar cabo da minha vida e da minha dor!

O crescimento

Neste momento sem que tivesse nenhuma consciência, começou o meu verdadeiro crescimento! Apoiado por uma companheira de Luz (um reencontro de muitas existências), reiniciei mil vezes, tombei mais mil vezes, busquei me reerguer repetindo o mesmo roteiro: Poder e Dinheiro! Impossível descrever a dor deste período: quebras profundas do ego; baixo nível de auto-estima; humilhações; renúncias; dependência financeira. Entrei várias vezes em depressão profunda, revolta, desânimo, acusação, desequilíbrio total... Sem poder, sem dinheiro, sem carro, sem casa, sem crédito, sem trabalho, sem valor... O que me restava a não ser olhar para o lado? Quando olhei para o lado percebi que me restava somente um caminho: trabalhar com a minha companheira na área espiritualista! Por estar totalmente faminto, mesmo julgando ser uma migalha, uma humilhação, o fundo do poço, não tive escolhas e aceitei, acreditando ser um atalho transitório. Iniciou-se então o despertar da minha consciência!

O despertar

Comecei a perceber os reais valores da vida; a ter empatia pela dor alheia; a lapidar a minha palavra; a exercitar a compaixão! Mesmo assim, a crueldade do social ou, talvez, meus valores profundamente enraizados me cobravam respostas de importantes perguntas: -”Quem eu sou”? -”Qual a minha profissão”? -”Qual o meu cargo”? Angustiado, deprimido, ansioso, desesperado, sai em busca dessas respostas, entrei em todas as portas, atravessei todos os rios, ousei em todas as estradas, acreditando que a resposta estava fora do meu coração e, nesta busca incessante, a Bondade e o Amor do Plano Espiritual providenciaram, pela Lei da Sincronicidade, encontros e reencontros com facilitadores espiritualizados que começaram a abrir meu entendimento e a minha consciência. No percurso deste caminho recebi a compreensão da missão que eu trouxe para esta caminhada terrena: adquirir consciência e inspirar amorosamente as pessoas à busca e elevação da própria consciência. “Este é o meu papel! Este é o propósito da minha existência!”

A libertação

E aqui estou eu, libertando-me diariamente do meu orgulho, despindo-me da minha vaidade e das minhas sombras, buscando cumprir a minha nova meta! Intuído pelo meu Eu Superior e apoiado pelo Plano Espiritual, decidi compartilhar as minhas experiências através dos textos: “Minhas Vidas, Minhas Obras!”. Com o meu coração repleto de gratidão, agradeço ao meu Eu Superior, ao Plano Espiritual, a Vida, a minha companheira de jornada, a minha família, aos meus amigos e aos facilitadores espirituais e a todos que, direta ou indiretamente, contribuíram para este meu trabalho!

JAIME BENEDETTI (São Paulo/SP) Eu sou uma pessoa comum como você e esta foi a maneira que encontrei de falar a todo mundo daquilo que considero muito importante: “a Vida!”


37

M ARÇ O 20 13


Bruno José Gimenes

Você se esqueceu de quem você é?

CONEXÃO

Sentimentos

Você pode estar sofrendo e reclamando dos problemas da sua vida, lamentando-se pelo número de situações negativas, as quais estão sucessivamente sendo atraídas para você. Dores, doenças, crises e conflitos diários, falta de prosperidade, falta de sucesso pessoal, ansiedade e saúde frágil. Tudo isso tem uma causa: você se esqueceu!

Esquecimentos

Esqueceu-se de que, quando olha para dentro de você, com sinceridade e analisa cada problema, na sua causa essencial, tem grandes chances de ser feliz! Esqueceu-se de que, quando você reclama dos sofrimentos é porque preferiu achar culpados. Você se esqueceu de que, se algo vai mal, você pode mudar com base em ações novas, pensamentos modificados e hábitos renovados. Esqueceu-se de que a força da sua alma é ilimitada e o tempo que você desperdiça focando na lamentação dos problemas é o mesmo precioso tempo que você poderia utilizar para sintonizar-se com a sua alma e com a força da sua espiritualidade. Você se esqueceu de concentrar tempo em reconhecer os seus princípios, virtudes e valores, pois, eles são a sua força! Esqueceu-se de buscar o caminho para a realização da missão da sua alma, pois, esse é o caminho da verdade do seu espírito. Esqueceu-se de querer ser feliz.

MA RÇ O 2013

Iluminar-se

38

Você se distraiu... Você se esqueceu... Você se alienou da sua causa maior... Pare agora! Analise a sua vida com as lentes da sua alma. Dê uma nota de 0 a 10 para cada aspecto importante de sua vida e não pare de agir até que todos eles estejam nota 10! Com atenção a isso, você nunca se esquecerá! Quais são os seus sonhos? O que você está fazendo para alcançá-los? A forma como você está agindo atualmente vai lhe levar até onde? Pense, reflita, reforme-se. Lembre-se de quem você é e ilumine-se! Bruno José Gimenes sintonia@luzdaserra.com.br


39

M ARÇ O 20 13


Sistema de gerenciamento predial. CONEXÃO

O sistema

Não importa o número de pontos que você controla: o importante é o que você faz com eles. Qualquer prédio necessita de um cérebro, para controlar de forma inteligente o sistema (com os seus pontos de dados), que pode ser gerado numa abordagem integrada que una vários sistemas em uma única rede ao longo de todo o prédio, através de uma plataforma de software única. Uma vez integrado, os dados desse sistema serão assimilados e convertidos em informações úteis para a tomada de decisão e a implantação da ação necessária, aumentando a eficiência, o conforto e o bem-estar dos ocupantes da instalação predial.

A segurança

Proteja as pessoas, as propriedades e seus pertences. Proteger os moradores é uma missão crítica para o sucesso do sistema de segurança. E o morador, por sua vez, deve respeitar os regulamentos de segurança, reduzindo riscos, abrandando responsabilidades e protegendo o seu próprio patrimônio e o coletivo. Nesta era de preocupação com segurança, você precisa de um sistema confiável que possa oferecer soluções abrangentes que atendam aos objetivos do prédio e de seus moradores. É hora de aumentar a inteligência do seu prédio.

MA RÇ O 2013

A inteligência

40

Segurança integrada: a manutenção da segurança exige vigilância constante. Vigilância demanda integração, controle do acesso, detecção de intrusos, análise dos vídeos, proteção contra incêndio e proteção da vida humana. Esse sistema é, tradicionalmente, configurado de forma independente, com suas próprias instalações individuais de hardware e software, supervisão, operação, manutenção, administração e treinamento. Essa abordagem não é mais viável em um mundo aonde as ameaças de segurança estão aumentando e os orçamentos encolhendo.

É por isso que o Sistema Inteligente fornece soluções de segurança integradas que permitem controlar todo o seu cenário de segurança a partir de uma única interface do usuário. Os benefícios? Simplificação do uso, melhor tempo de resposta, aprimoração significativa da segurança geral, custo reduzido e tranquilidade. Proteja todos os pontos de acesso das suas instalações. Controlar o acesso às suas dependências e recursos é fundamental para a manutenção de um ambiente seguro e protegido.

Sistema Inteligente de Segurança

Oferece um sistema de controle de acesso que atende aos requisitos de segurança e às normas governamentais mais exigentes. O sistema fornece criptografia e autenticação para possibilitar as comunicações, a prova de violação entre os controladores e as estações de trabalho. Fornecendo ainda: - Controle facilitado dos pontos de acesso: portas, portões, garagens, elevadores, áreas de lazer e corredores. - Controle individualizado em cada apartamento através de um canal específico na televisão. - Formulários e modelos personalizados para editar e gerenciar direitos individuais de acesso. - Identificação com senha eletrônica personalizada. - Acesso com base em permissões às zonas de segurança designadas. - Solução flexível, programável e dimensionável.

Em síntese

Para se ter segurança, perde-se bastante da sua privacidade. Portanto, a segurança de um prédio residencial depende muito da consciência de seus moradores, em compreender que a sua privacidade se resume às paredes do seu apartamento. A partir da saída de seu apartamento até chegar à rua, para se ter a segurança pessoal necessária estendendo à sua comunidade, os seus passos serão controlados por um inteligente sistema de câmeras. O que, a princípio, sugere constrangimento, resulta em segurança para toda a comunidade.


41

M ARÇ O 20 13


Elisabeth Cavalcante

O eu e a multidão.

IDEIAS

O falso “eu”

Uma das principais características do falso “eu”, aquele que nos foi imposto pela família e pela sociedade, é identificar-se com a multidão, ou seja, viver sempre em sintonia com o que o restante do mundo pensa ou faz, pelo medo de ser rejeitado.

A autoconfiança

A autenticidade consiste em mergulhar profundamente no próprio interior, descobrir quais são as suas reais necessidades e desejos, sendo capaz de segui -los sem se preocupar com o julgamento alheio. Este não é um processo fácil e, para chegar à sua realização, é essencial que se tenha uma grande dose de coragem e confiança no próprio valor. Aquele que não acredita em si, jamais se considerará capaz de decidir por si mesmo o rumo que dará à própria vida. Estará sempre preocupado em seguir modelos externos, para ter a certeza de que não vai errar. O medo do erro é, aliás, o principal obstáculo para os que ainda não desenvolveram a autoconfiança.

MA RÇ O 2013

O processo

42

Mas, cometer engano, de vez em quando, é natural no processo de crescimento a que estamos submetidos. O aprendizado verdadeiro só pode acontecer depois de muitas tentativas e erros. Por não aceitar este fato, aqueles que vivem em busca de uma solução perfeita para todos os problemas, certamente acabarão por sofrer e decepcionar-se muito mais vezes. Relaxar e seguir sempre o próprio coração, independente do que o restante do mundo venha a nos dizer, é o maior aprendizado que podemos empreender. Sem ele, continuaremos nos identificando com a multidão e alimentando mais e mais o nosso falso “eu”, que pretende manter-nos protegidos do inesperado. Esta é uma ilusão que, cedo ou tarde, será desintegrada pela realidade da vida. Então, o mais sensato é começar a seguir os próprios insights e deixar que eles nos direcionem, pois, este é o caminho mais seguro para a liberdade.

A orientação do mestre

...A multidão é essencial para o falso “eu” existir. No momento em que está só, você começa a ficar nervoso. É aqui que se deve compreender um pouco a respeito de meditação. Não fique preocupado, porque aquilo que pode desaparecer, merece desaparecer. Não faz sentido agarrar-se àquilo - aquilo não é seu, aquilo não é você. Quando o falso tiver ido, você é aquele ser fresco, inocente e puro que crescerá em seu lugar. Nenhuma outra pessoa pode responder à sua pergunta ‘Quem sou eu?’ - Você saberá. Todas as técnicas de meditação são uma ajuda para destruir o falso. Elas não lhe dão o verdadeiro - o verdadeiro não pode ser dado. Aquilo que pode ser dado não pode ser verdadeiro. Você já tem o verdadeiro; apenas o falso tem que ser jogado fora. Isso pode ser dito de uma maneira diferente: o mestre lhe tira coisas que você de fato não tem e lhe dá aquilo que você já tem. Meditação é apenas uma coragem para estar só e silencioso. Aos poucos, você começa a sentir uma qualidade em si mesmo, uma nova vida, uma nova beleza, uma nova inteligência - que não é tomada de empréstimo de ninguém, que cresce dentro de você, que tem raízes na sua existência. E, se você não for um covarde, começará a fruir, a florescer. OSHO - Beyond Enlightenment ...Você tem que lembrar que a liberdade é o valor mais alto. E se o amor não lhe der liberdade, então, não é amor. A liberdade é um critério: qualquer coisa que lhe dá a liberdade é correta e qualquer coisa que destrói a sua liberdade está errada. Se você puder lembrar-se deste pequeno critério, sua vida, lentamente, vai começar a seguir o caminho certo sobre tudo: seus relacionamentos, suas meditações, a sua criatividade, o que quer que seja... Você tem que fazer a limpeza contínua - sempre que você vê alguma bobagem na sua cabeça, limpe-a, jogue-a fora. Se você estiver claro e limpo na mente, você será capaz de encontrar soluções para cada problema que surgir em sua vida. OSHO - Sermões em Pedras ELISABETH CAVALCANTE (São Paulo/SP) Taróloga / Astróloga / Consultora de I Ching/ Terapeuta Floral elisabethcavalcante@gmail.com


43

M ARÇ O 20 13


Bruna Michelon

A lareira ecológica movida a álcool.

IDEIAS

Apresentação

Um item impossível de não ser notado na última edição da Casa Cor SP, foram as lareiras ecológicas com combustão de etanol - uma estimativa de 90% dos ambientes com aquecimento artificial valia-se deste produto e objeto de decoração. Além de promover conforto térmico para os ambientes, pode ser usada tanto em áreas internas, como externas. Nas áreas internas deveremos garantir ventilação suficiente para que o oxigênio se mantenha estável no ambiente. Além de funcionais são peças que complementam e enriquecem a arquitetura do local, conferindo modernidade ao ambiente.

MA RÇ O 2013

Para conhecimento

44

Abaixo 18 perguntas para quem quer adquirir o produto e ainda não sabe como funciona: 1. Onde a lareira a álcool pode ser utilizada? - A lareira a álcool é um equipamento que pode ser utilizado em ambientes internos ou externos. Pode ser usado em sala, quarto, escritório, loja e show room, desde que tenham ventilação suficiente para prover a renovação de oxigênio no local, e também em ambientes externos como varandas e jardins. 2. O fogo é real? - A diferença entre uma lareira a álcool e uma lareira convencional é somente o tipo do combustível utilizado, pois se utiliza álcool ao invés de lenha. Fora isto, a impressão visual da chama é bastante semelhante. 3. Há necessidade de chaminé? - As lareiras á álcool não emanam fumaça. Por isto não há necessidade de dutos de exaustão ou chaminé. 4. O ambiente será aquecido? - O aquecimento é feito através da propagação do ar que vai sendo aquecido. Como não há necessidade do uso de chaminés, não há perda de calor. Assim o aquecimento é mais eficiente que numa lareira convencional. 5. Deve-se manter o local bem fechado para que o aquecimento seja melhor? - Não. Todo equipamento de aquecimento, utiliza o oxigênio do ar. Assim, é necessário promover uma renovação

do ar no local, para que o oxigênio seja reposto. Nunca utilize nenhum sistema de aquecimento com o ambiente totalmente fechado. 6. Qual combustível ideal? - A lareira a álcool deve ser abastecida com álcool 92,8°, que pode ser comprado em supermercados, drogarias e lojas de produtos de limpeza. Não há necessidade de nenhum tipo especial de álcool ou bioetanol. 7. Pode-se usar o álcool/ etanol vendido nos postos de gasolina? - Não. Este tipo de combustível, além de ser hidratado, contém substâncias residuais de petróleo e a sua queima gera gases poluentes e prejudiciais á saúde. 8. A queima do álcool exala cheiro? - Enquanto a lareira está acesa, não há nenhum cheiro. Quando o fogo for extinto, ficará um pequeno odor, que será rapidamente dispersado, como quando se apaga uma vela. 9. A queima do álcool exala gases poluentes, prejudicais à saúde? - Não, a queima do álcool gera vapor de água e dióxido de carbono em pequena quantidade, que não são prejudiciais à saúde. A geração de monóxido de carbono é insignificante. 10. Como se deve guardar o álcool que abastece a lareira? - O álcool/etanol é um líquido inflamável. Seu armazenamento, manipulação e uso devem ser feitos de forma segura, a fim de evitar acidente. 11. Qual é o consumo do álcool e quanto tempo dura a chama? - Enquanto houver álcool no queimador, haverá chama. Em média, 1 litro de álcool dura de 2 horas até 4 horas. Esta variação deve-se à abertura deixada no queimador e, também, do fluxo de ar que tenha no local. Quanto maior o fluxo de ar e a abertura deixada no queimador, mais rápido o álcool é consumido, porque a chama é mais intensa. 12. Qual a área que pode ser aquecida? - Isto depende do tamanho do queimador utilizado. Por exemplo, queimadores de 1,5 litros são suficientes para área de 20m². Existem queimadores de tamanhos variados para atender as mais diversas necessidades. Também se pode utilizar mais de um queimador no local.

13. O que é o “queimador”? - O “queimador” é o coração da lareira a álcool. Ele é o recipiente onde o combustível é colocado. É construído em aço inoxidável. Possui um dispositivo de regulagem da chama, para que seja possível aumentar, diminuir ou, até mesmo, extinguir a chama quando desejado. 14. Como é feita a instalação das lareiras? - As lareiras completas são fáceis de montar, e não necessitam de nenhuma instalação especial. Basta retirá-las da embalagem, encaixar o queimador e os vidros (nos modelos que tem vidros) nos espaços especificados e colocá-la no local desejado. 15. É possível fazer uma lareira a álcool personalizada? - Sim. Basta adquirir somente o “queimador” e instalá-lo dentro do seu projeto. É necessário que o projeto seja feito tomando as devidas precauções com relação a isolamento e tipo de material usado, para evitar queima/ manchas nos materiais. 16. A lareira pode ser embutida no nicho de uma lareira normal, onde já havia até chaminé? - Sim, ainda que este tipo de lareira não necessite de chaminé. 17. Como se acende e se apaga a lareira? - O acendimento e a extinção da chama são procedimentos muito simples. Basta seguir as instruções constantes no manual que segue com o equipamento. 18. Como é feita a limpeza e manutenção da lareira? - A limpeza deve ser feita periodicamente com pano úmido e detergente. Nunca utilizar produtos químicos e abrasivos nas lareiras e nos queimadores, pois, eles podem danificar permanentemente sua lareira e queimador. Com a utilização, é normal o surgimento de uma coloração amarelada no tampo do queimador, devido ao calor do fogo. Esta coloração não é ferrugem, nem defeito, e não altera em nada o funcionamento de sua lareira. BRUNA MICHELON (Bento Gonçalves\RS) Designer de Moveis


45

M ARÇ O 20 13


Cesar Grossmann

Casos intrigantes de Papas.

IDEIAS

Na pauta

Aproveitando que o Papa Bento XVI está nas manchetes por abdicar, algo que foi feito pela última vez na Idade Média, que tal darmos uma repassada em alguns casos intrigantes e curiosos da história papal?

O primeiro

O cabeça da Igreja Católica foi São Pedro, cujo nome original era Simão e era um dos 12 apóstolos de Jesus. Ele pregou na Ásia Menor antes de ir para Roma, onde viveu 25 anos, quando o Imperador Nero Augusto César crucificou-o. Diz a lenda que ele pediu para ser crucificado de cabeça para baixo, por se achar indigno de morrer como Jesus. Apesar de ser considerado o primeiro Papa, ele nunca teve este título durante sua vida.

Tempos melhores

Os séculos 2 e 3 foram tempos difíceis para a Igreja Católica, com perseguição de cristãos e martírio de vários líderes da igreja. Mas, em 313, o Imperador Constantino colocou oficialmente um fim à perseguição. O Papa Silvestre I foi o primeiro a viver neste mundo menos perigoso, quando Constantino organizou o Concílio de Nicéia, para definir a doutrina oficial cristã.

MA RÇ O 2013

O Pacificador

46

O Papa Leão I, de 461 a 468,famoso pelo trabalho que fez antes de ascender ao papado: quando bispo convenceu o temido Atila – rei dos Hunos, a não saquear Roma. É possível que Leão tenha oferecido a Atila alguma quantia em ouro ou, então, o guerreiro usou o encontro como uma desculpa para retornar, atendendo a seus próprios objetivos estratégicos. Outra possibilidade é que o papa tenha apelado para os medos supersticiosos de Atila, de morrer logo depois do saque, como aconteceu com Alarico I (rei de uma tribo de Godos) depois de saquear Roma décadas antes.

Cadáver em julgamento

O Papa Formoso, que encabeçou a Igreja Católica de 891 a 896, teve o seu papado marcado por batalhas políticas e lutas internas. Ele sofreu excomunhão 20 anos antes de se tornar Papa, mas, foi absolvido mais tarde. Após sua morte, seu cadáver foi exumado, levado a julgamento e condenado por não ser digno de ter sido Papa. Todos seus editos papais foram considerados inválidos, os dedos que ele usou para fazer os sacramentos foram arrancados e ele foi jogado no rio Tibre.

Outro Bento

O Papa atual não é o único Bento a renunciar. Durante uma época tumultuosa da história da Igreja Católica, conhecida como “saeculum obscurum” (“idade das trevas”, às vezes chamada de: “pornocracia” ou “governo de meretrizes”), quando os papas se entregaram à corrupção e à venalidade, sempre aliados a alguma família aristocrática. Cansado disso, o povo de Roma, em 964, resolveu elevar Bento V à mais alta posição. Mas, o fundador do Sacro Império Romano, Rei Oto I, não quis saber disso e elegeu um antipapa, Leão VIII. Bento V escolheu renunciar alguns meses depois da eleição (nestes tempos caóticos, não era incomum haverem dois papas eleitos).

O Tri-Papa

O Papa Bento IX, foi papa três vezes. Ele primeiro ascendeu ao papado em 1032, como resultado de conexões familiares, com a tenra idade de 20 anos, entretanto, ele levou uma vida imoral e dissoluta. Em 1044, a cidade de Roma elegeu um antipapa. Bento IX conseguiu substituir o antipapa, mas, abdicou depois de vender o papado a outro sacerdote. Antes de morrer, ele se tornou papa mais uma vez, mas, por pouco tempo.

Papa grávido?

Diz a lenda que de 855 a 877, um Papa chamado de João era na verdade uma mulher. A história, contada por um monge dominicano chamado Martinho e vários outros, em 1265, alegam que o Papa João era uma garota que foi trazida a Atenas em roupas de homem. Ela estudou e se tornou mestre, mas, ficou grávida e teve o parto durante uma procissão da igreja. Entretanto, o caos da época e as discrepâncias entre as diferentes histórias sugerem que a Papisa Joana talvez nunca tenha existido.

Reinados curtos

Muitos dos homens que foram escolhidos para o papado não tiveram a chance de esquentar a cadeira. O Papa Stephen foi eleito em 752, mas, morreu alguns dias depois sem ter sido consagrado. O Papa Dâmaso II ascendeu ao papado em 1048, depois de várias lutas políticas, vindo a falecer 23 dias depois. Celestino IV, que foi eleito em 1241, faleceu 16 dias depois. E o Papa Urbano VII, no ano 1590, morreu depois de 12 dias, passando a ser o mais curto papado da história da Igreja Católica. CESAR GROSSMANN (Curitiba \ PR) Engenheiro Elétrico \ Funcionário Público

cesarakgcesar@hiperciencia.com


47

M ARÇ O 20 13


Stephanie D’ornelas

Protestos políticos marcantes na história.

MA RÇ O 2013

MÃOS A OBRA

Protestos significativos

48

Protestos políticos, sejam eles violentos ou pacíficos, têm um passado rico, com variados graus de sucesso. Confira alguns protestos significativos da história que aconteceram ao longo dos séculos.

Na história mundial

- Reforma Protestante - Começou como a única movimentação calma e ordenada dessa lista, com Martinho Lutero pregando um tratado feito por ele sobre os abusos do catolicismo na porta de uma igreja alemã, em 1517. No entanto, a continuação do movimento envolveu muito sangue e lágrimas. Afinal, não seria tão fácil querer mudar a atitude religiosa da época… - Tomada da Bastilha - Esse ato de 14 de julho de 1789 marcou o início da Revolução Francesa e foi muito importante para impulsionar a década em que os franceses se rebelaram contra a monarquia. Naquele dia, uma multidão de parisienses desceu sobre a Bastilha – o símbolo da autoridade real e excessos – decapitando o governador da região, o marquês de Launay. - Marcha do Sal de Gandhi - Em protesto contra a proibição da extração de sal na Índia colonial imposta pelos britânicos, Gandhi trilhou quase 400 quilômetros para coletar seu próprio sal. Mais de 60 mil pessoas, incluindo o próprio Gandhi, foram presos por participar dessa marcha, mas, para a tristeza dos britânicos e de seus interesses, o resto do mundo simpatizou com a causa da Índia. - Festa do Chá de Boston - Apesar do nome curioso, a Festa do Chá de 1773 não foi um evento muito divertido como o nome pode supor. Na realidade, foi uma reação amarga aos novos impostos taxados pelos britânicos. Ao longo de três horas em 16 de dezembro, mais de 100 colonos entraram secretamente em três navios britânicos e despejaram 45 toneladas de chá na água. O protesto foi um precursor essencial para a Revolução Americana. - Dia nacional de protesto na África do Sul - Nelson Mandela organizou essa grande parada “anti-apartheid” em 1950, em retaliação a um novo projeto de lei que permitia que o governo investigasse qualquer partido político ou organização. Em 26 de junho, milhares de sul-africanos ficaram em casa e não foram trabalhar, uma tática que foi usada várias vezes na década seguinte. O dia 26 de junho foi considerado, até 1994, como o Dia Nacional da Liberdade. - Marcha sobre Washington - A histórica frase de Martin Luther King:-“I Have a Dream!” (“Eu tenho um sonho!”) foi proferida em agosto de 1963 para promover a igualdade racial nos Estados Unidos durante essa marcha. Mais de 200 mil manifestantes se reuniram pacificamente no Lincoln Memorial, localizado em Washington. Esse evento pressionou o presidente Kennedy fazendo com que ele elaborasse as leis de direitos civis. - Protesto na Praça da Paz Celestial- Pelo menos um milhão de pessoas – principalmente estudantes lutando por uma reforma democrática – ocuparam pacificamente a Praça da Paz Celestial por sete semanas, até que militares chineses, inesperadamente, chegaram com tanques para mandar as pessoas para fora. Estima-se que várias centenas de manifestantes tenham sidos mortos na cidade, atraindo duras críticas da comunidade internacional. - Muro de Berlim - A divisão de concreto que separou o lado oriental do ocidental de Berlim por 28 anos foi abaixo depois de dois meses de protestos públicos que ocorreram por toda a Alemanha. A pressão para derrubar o muro começou a crescer como nunca em 1989 e essas manifestações foram a gota d’água para o governo da Alemanha Oriental que, finalmente, abriu suas portas no dia 9 de novembro.

Na história brasileira

- Revolução Farroupilha - Também conhecida como Guerra dos Farrapos, essa foi uma revolta contra o governo imperial do Brasil, que se iniciou em 1835 e foi até 1845. A revolução teve caráter separatista e deu origem a República Rio-Grandense. As tropas imperiais conseguiram fazer frente aos revoltosos que, devido à participação popular, ficaram conhecidos como farrapos. O fim da revolução aconteceu com um acordo queconcedeu anistia geral aos revoltosos, o saneamento das dívidas dos governos revolucionários e a libertação dos escravos que participaram da revolução. - Coluna Prestes - Foi um movimento político-militar que começou em 1925 e foi até 1927. Ele foi decorrente da insatisfação com a República Velha, exigiu o voto secreto, defesa do ensino público e a obrigatoriedade do ensino primário para todos os brasileiros. Na marcha pelo Brasil, os integrantes da Coluna Prestes – comandados por Miguel Costa e Luís Carlos Prestes – também denunciaram a miséria da população.

- Diretas Já - Mais de 1,5 milhão de pessoas se reuniram para declarar apoio a esse movimento que reivindicou eleições presidenciais diretas no Brasil. O movimento que se espalhou por grandes cidades de todo o país aconteceu entre 1983 e 1984. STEPHANIE D’ORNELAS (Curitiba \ PR) Estudante Jornalismo \ Escritora Hiperciência


49

M ARÇ O 20 13


André Lima

O alto preço do sucesso.

MÃOS A OBRA

O sucesso

Você está disposto a pagar o preço necessário para ser bem sucedido? É claro que não. Ninguém vai querer pagar um preço alto para ter algo. Isso dá muito medo. Fica parecendo que, para ter algo bom, teremos que perder várias coisas e, dito desta forma, chega ao ponto de parecer não ser compensador. Em minha opinião, dizer que o sucesso tem um preço alto é só uma crença sabotadora que atrapalha o nosso desenvolvimento. Entretanto, muito ouvimos falar sobre as ditas consequências negativas de ter sucesso ou das muitas concessões que teremos que fazer para conseguirmos atingir nossas metas.

Mudança

MA RÇ O 2013

Qualquer mudança na vida exige que a gente saia da zona de conforto. Para alcançar algo que antes não tínhamos, certamente, teremos que fazer coisas diferentes que antes não fazíamos, o que pode nos proporcionar sensações de medo, ansiedade, frustrações, enfim, desconforto emocional. Mas, como toda mudança, há um período inicial de adaptação e logo o que era muito desconfortável passa a ser natural, deixando de mexer com o nosso lado emocional. E o nosso novo patamar passa a ser sentido como melhor ou mais interessante que o anterior. Nesse ponto, não faz qualquer sentido regredir e voltar ao estágio anterior. Não há perdas, apenas mudanças.

50

Crescimento

O mesmo acontece durante o nosso crescimento da infância até a vida adulta. Aos poucos, deixamos de ser criança e entramos na adolescência. Assumimos novos papéis, os laços familiares ficam diferentes, as amizades passam a ter uma maior importância, surgem algumas responsabilidades e algumas liberdades. É melhor ou pior que a infância? É diferente, é outra fase. E cada fase tem seus desafios e seus prazeres. Uma pessoa saudável tem o desejo de crescer. Aproveita a infância, entra na adolescência, passa por uma adaptação e aproveita a fase, cresce mais um pouco, vai entrando na vida adulta e mais adaptações são necessárias e aproveita a vida adulta. Alguém que não queira sair da infância ou da adolescência não está emocionalmente equilibrado e precisa de auxilio. Nesse caso, os fantasmas emocionais da mudança estão maiores do que o impulso natural do desejo de crescer.

Novo patamar

As pessoas mais bem sucedidas normalmente são aquelas que se arriscam a fazer coisas novas e passar pela adaptação para a nova zona de conforto. É provável que a maioria experimente momentos de hesitação, procrastinação e medo de começar a agir no sentido de fazer algo novo. É até natural que isso ocorra. Porém, o desejo de mudar, de seguir o impulso natural de expandir, é maior do que os sentimentos negativos que vem junto com a mudança, ou seja, o medo não se torna paralisante. Alguns acham até estimulante a sensação de sair da zona de conforto e buscar um novo patamar.

O preço

As coisas que ouvimos (que são vistas como o “preço alto”) são as mais variadas, que são: - Tem que trabalhar muito / - Não terá tempo para família. / - Vai se afastar das amizades. / - Familiares, amigos e outras pessoas podem ficar com inveja. / - As responsabilidades vão aumentar. / - Mais contas a pagar. / - Menos tempo para si próprio. / - Mais sacrifícios. / - Risco maior de ser assaltado, seqüestrado. / - Os parentes vão querer explorar e ter ajuda financeira. Vendo dessa forma, fica realmente parecendo que tem um preço muito alto, não parece vantajoso.

A normalidade

Entretanto, se você pensar bem e comparar a sua vida, as coisas que você faz hoje podiam parecer muito difíceis ou até mesmo impossíveis se você fosse imaginá-las há dez anos atrás. O tempo foi passando, você foi se adaptando e tudo ficou normal. Quando você imagina uma realização futura tendo como base a sua capacidade atual, fica parecendo muito difícil atingir o objetivo se você for pensar em todos os detalhes de como conseguirá. Mas, se você apenas se lançar rumo ao objetivo, sem valorizar tanto os detalhes, de alguma forma você percebe que vai dando um jeito em cada nova situação que aparece e, de uma maneira ou de outra, tudo acaba dando certo. ANDRÉ LIMA (Recife / PE) EFT Practitioner / Terapeuta Holístico Mestre de Reiki / Engenheiro


51

M ARÇ O 20 13


Saul Brandalise Jr.

Medo Gera Medo.

MÃOS A OBRA

A surpresa

Existem vários comentários a respeito de como se encontra o nosso planeta e a maneira com que ele está reagindo. Existem várias posturas sobre o que salva e quem salva (como se fôssemos todos náufragos ou atores do seriado LOST). Não há salvação nem nada. Há aprendizado para a essência ou alma, se preferirem.

A lei do retorno

Portanto, existem várias maneiras de se entender, efetivamente, uma vida. Alguns dizem: nossos oceanos estão se alterando, nosso ar está mudando e nossas florestas e matas estão virando deserto. Outras informações chegam ao absurdo extremo afirmando que o planeta está morrendo. Não, ele não está morrendo, está apenas e tão somente reagindo às agressões às quais é acometido. Há uma cadeia fenomenal de ciclos que se projeta na mesma direção. Tudo o que se planta, colhe-se. O ser humano funciona como um verdadeiro ímã. O que projeta retorna.

MA RÇ O 2013

A realidade

52

É assim que se aprende. Se soubermos projetar, desfrutaremos a colheita. E, como cada um vive em um estágio diferente, as regras do aprendizado são mínimas. É equivocado pensar que estamos entre o bem e o mal. Estamos, sim, entre o correto e o incorreto, para cada um de nós. Este é o ponto. Não se pode querer que as pessoas reagissem positivamente, colocando em suas mentes o medo. Medo, também, é energia e como tal responde ao seu chamado. É vital conscientizar, educar e, no limite, até treinar. Depende de cada ser e do meio em que vive, a forma como encara a realidade em seu entorno. Toda pessoa que tem medo de ser assaltado, um dia será. Toda pessoa que tem medo de ficar doente, um dia ficará. Toda pessoa que diz ter dificuldades de realizar determinada missão, nunca irá realizá-la. Insegurança gera insegurança. Amor gera amor. Felicidade gera felicidade. Tristeza gera Tristeza. Medo gera medo. Determinação produz acerto. Querer, portanto, é poder. Não querer é o começo do fracasso.

A energia

Quanto antes entendermos que somos reféns da energia que produzimos em nossa vida e em volta dela, nossa caminhada será mais fecunda. Toda pessoa que não gasta, por medo de ficar sem dinheiro, um dia irá ficar precisando dele. Toda pessoa que não gasta, consciente de que está é uma forma de garantir a sua aposentadoria, irá ter um final de vida tranquilo. No fundo, é praticamente a mesma coisa, plantada, contudo, com “energia” diferente. Se plantarmos a falta, ela acabará acontecendo. Se plantarmos prosperidade ela acabará vindo. Ora, precisamos ter consciência de que somos pura essência e que viveremos com a energia a qual temos capacidade de produzir em nossas mentes, palavras e atitudes. Se pretendermos que as pessoas reajam favoravelmente, precisamos mostrar isso de maneira e forma positivas. Não é plantando medo que se gera coragem. A energia em nossa volta é, sempre, a que irá predominar. A lei Universal de Causa e Efeito é soberana em nossas vidas.

O aprendizado

Funciona, igualmente, ao repreendermos uma pessoa que falhou. Se ela falhou é preciso analisar a intenção. Isso é que determina o ato gerador do fato. Só há erro em falha repetida. As pessoas, hoje vítimas de drogas, foram adestradas pelo método do medo e nunca pela coragem de se desafiarem. Educa-se ensinando e dando coragem às pessoas. Há mais dias amargos em uma vida do que aqueles doces e saborosos. Só assim se aprende. Só há acerto quando antecipamos nossa análise, em forma positiva, ao fato. E, efetivamente, se saberemos como pensar e agir, frente ao problema em nossa volta. Não adianta seguir. Cada vida é uma historia diferente. O aprendizado é único. Se você der um milhão de reais a um índio, que sempre viveu na floresta, ele não saberá o que fazer com o dinheiro. Está acostumado a retirar sua sobrevivência de recursos naturais e, para ele, o dinheiro não serve para nada. Se você der uma empresa para um herdeiro que nunca foi testado em sua capacidade de gestão, muito provavelmente, ele não saberá o que fazer com a empresa que o tem à sua frente. Se você sempre mimou o seu filho e não lhe ensinou a se superar e viver, ele será um forte refém de traficantes. Olhe para seu filho: ele está gordo? Você o sufoca. Escute-o. E não é com potencialização do medo que se resolve estes problemas. É uma questão da forma de encarar uma vida.

Os caminhos

Depende de como você se encontra a frente do que segue: - Ela, a vida, pode ser designada por obra de um super ser. \ - Ela pode ser consequência de aprimoramento. \ - Ela pode ser apenas ocasionada por uma relação de amor, sexual ou como queiram chamá-la. Então, responda para si. - O que sou realmente? Aqui começa o entendimento, com esta resposta correta para si próprio! Se você não souber responder a esta pergunta, irá achar normal adestrar as pessoas, achará normal dizer ao seu filho que se ele não obedecer, a bruxa virá pegá-lo, sem lhe explicar as razões e os porquês de cada ação, de cada pedido. É mais fácil adestrar do que educar. Vai achar normal ameaçar seu filho, que se não for deitar e dormir irá perder o final de semana. É tudo uma questão do que vem primeiro. O medo ou a consciência? Assimilou que medo gera medo? Ótimo. SAUL BRANDALISE JUNIOR (Florianópolis / SC) Presidente da Central Barriga Verde Comunicações


53

M ARÇ O 20 13


Capadócia \ Turquia DIVERSÃO

O que é?

A Capadócia é uma região da Turquia, conhecida por sua singular paisagem lunar, suas cidades subterrâneas que serviram de abrigo aos antigos cristãos durante a época da perseguição romana, bem como suas casas e igrejas escavadas nas rochas. Vulcões que foram ativos há milhões de anos atrás, deixaram uma camada de 150 metros de espessura de lava. Com o tempo os rios, as chuvas, as tempestades de neves e os ventos fortes modificaram a paisagem, criando, assim, as incríveis formações rochosas que se encontram na região.

Transporte

Existem vários meios transportes entre Istambul e Capadócia. O mais prático é ir de avião com destino aos aeroportos de Nevsehir ou Kayseri. Também, há linhas de ônibus ou de trem.

Estadia

O ideal é ficar na Capadócia umas três ou quatro noites. A região é enorme e tem muita coisa para ver.

Segurança

Quanto à segurança, a Turquia é um dos países mais seguros do mundo. O povo é super simpático e hospitaleiro para receber brasileiros, que eles adoram! Viaje tranquilo!

Bagagem

A grande programação é andar, andar e andar. Subir, descer, passear pelos vales, entrar nas cavernas, portanto, roupas confortáveis, bons tênis, moletons, chapéus, bonés, sandálias e bermudas.

MA RÇ O 2013

Clima

54

No verão é muito quente, então, não esquecer o filtro solar. À noite, mesmo no verão esfria. Refresca mesmo. É conveniente levar casaco ou, se preferir, é fácil encontrar “pashiminas” aos montes para vender. Nos restaurantes com terraço é comum ter mantas para os clientes. E para os passeios de balão, sempre é friozinho, mesmo no verão, portanto, leve casaco de nylon para se proteger do vento.

Passeio de Balão

Voar num balão na Capadócia é uma experiência incrível! A Ballon Turca Capadocia é ótima. Prepare-se para madrugar: por volta das 4:45 horas da manhã uma van pega as pessoas nos hotéis e o encontro é no escritório para um rápido café da manhã, com chá e biscoitos, depois a van segue para o campo de balões e começa a aventura. É muito lindo, o silêncio, a paisagem incrível da Capadócia, ver o sol aparecendo, os balões subindo, realmente é uma experiência mágica! Parece que ainda estamos sonhando. Depois do pouso suave, a equipe de terra vai ao encontro dos passageiros para fotos e um brinde com champanhe da Turquia! Imperdível! Se você foi à Capadócia e não voou de balão, você não foi à Capadócia, tem que voltar!

Hospedagem

A Capadócia é uma região cheia de vilarejos e a melhor dica é ficar hospedado em Göreme, (pronuncia-se “Guremé”) distante 40 Km do aeroporto de Nevşehir (pronuncia-se Nevxerrir), que é a cidade do Open Air Museum (Museu a Céu Aberto), de onde saem os passeios de balões, com os melhores restaurantes, os hotéis mais charmosos, as lojinhas etc... Göreme é tranquilo, mas, com maior movimentação e as outras cidades são mais isoladas, ficam no meio do nada, se estiver sem carro, então, à noite não há nada para fazer.


55

M ARÇ O 20 13


Talita Couto

A vida imita a arte.

DIVERSÃO

Vida x Arte

Podemos viver um filme de aventura dentro de uma paisagem melancólica, alternando flashes de suspense com aquela alegria de musical. A vida imita a arte ou a arte imita a vida? O homem ainda questiona a vida, mas, você já se questionou: -“O que é arte ou o que ela pode nos acrescentar?”

A arte

Arte (do latim ”ars”, significando técnica e/ou habilidade) geralmente é entendida como a atividade humana ligada a manifestações de ordem estética ou comunicativa. Algumas áreas mais conhecidas são: pintura, fotografia, música, dança, teatro, moda, literatura etc... Arte seria um modo de expressar o que se sente, o que se pensa, demonstrar questões políticas e a sociedade onde vivemos por meios que exijam sensibilidade, talento, dedicação, determinadas técnicas com resultados harmônicos e belos.

A vida

Estamos envolvidos com a arte desde pequeno. A criança ainda não sabe falar direito e está começando a conhecer o mundo. Então, para se expressar, ela desenha, rabisca, carimba as mãos cheias de tinta na parede (assim como os homens pré-históricos, lembra?), como um instinto de autoconhecimento e marca de sua identidade no mundo. Todas as áreas sempre nos cercaram, desde as pinturas nas cavernas, igrejas góticas, pinturas renascentistas até as músicas de protesto censuradas, ou seja, em todas as fases da humanidade, a expressão artística é o que determina a nossa cultura, destacando as características de uma época e construindo a nossa história. A arte nos influencia e a vida, por sua vez, é o “combustível” do artista.

Áreas artísticas

Hoje em dia, as pessoas, apesar de ainda demonstrarem interesse em “apreciar” diversas áreas artísticas, estão perdendo o hábito milenar de se envolverem com elas, por motivo de mercado, falta de incentivo ou dificuldade de acesso. Ter contato com uma atividade de qualquer área artística é fundamental para a criança e indispensável em qualquer idade. Esse contato desenvolve o lado comunicativo, aumenta o conhecimento geral, abre a mente etc... Depende da atividade, claro! Na dança e no teatro, por exemplo, há uma desenvoltura física e emocional. Pelo lado físico, elas melhoram a coordenação motora, a disposição para o dia-a-dia, a circulação sanguínea e, também, traz inúmeros benefícios ao corpo, principalmente a dança. Já pelo lado emocional essas duas atividades ajudam a lidar com sentimentos difíceis como: timidez, frustração, competição excessiva, autoestima ruim, aceitação do outro, já que é necessário trabalhar em grupo.

A entrega

MA RÇ O 2013

Ambos têm a sua “magia”, mas, se tiver problemas com o seu corpo ou a sua mente e precisar de cuidados específicos, é melhor procurar um psicólogo ou um personal trainer ou, no caso de dores corporais, um fisioterapeuta. A arte não cura problemas, ela incentiva a nossa imaginação para acharmos as soluções. Por isso, se entregue à arte, escolha uma área para se arriscar ao novo, veja filme ou dança ou peça teatral, leia livro, ouça boa música, pois, faz bem para a alma. Imagine e imite a sua vida!

56

TALITA GOUVEIA COUTO (Arujá\SP) Bailarina / Atriz / Modelo Estudante de Artes do Corpo PUC\SP – Dança\Teatro


57

M ARÇ O 20 13


Waghi Adas

Viagem de ônibus pelo Brasil na 3ª idade.

DIVERSÃO

O poder da 3ª idade

Realmente, o momento é ótimo para viagens de ônibus, em destaque ainda para os idosos. O país passa por uma ótima situação financeira e econômica, nas quais a própria Exma. Presidenta Dilma Rousseff diz estarmos muito longe de uma crise. A nação, dada como um país emergente, tem se destacado entre outros países e com a chegada das realizações esportivas mundiais, tem atraído o olhar de muitos investidores externos. A satisfação é vista em mais dinheiro no bolso do brasileiro e assegurando àqueles da 3ª idade. A movimentação no INSS arrecadando e dispondo de seguros e garantias aos aposentados, passando a poderem desfrutar mais, em vez de ficarem em casa, isolados e infelizes. Empresas de viagens segmentadas a este público têm surgido nas capitais dos estados e municípios interioranos. Só no Sudeste o número de viagens tem crescido 20% em relação à ultima década e até empréstimos estão em alta para estes citados. O índice de correção e juros tem baixo valor percentual, valendo a pena fazer negócios com este segmento ao invés de jovens adultos. Os descontos chegam a serem diretos na folha da aposentadoria.

As possibilidades

MA RÇ O 2013

O balanço animou o comércio no entorno do turismo, como: hotéis, pousadas, restaurantes, empresas de viagens, rodoviárias, entre outros têm ganhado muita afinidade destes, desde organizadores de viagens profissionais, amigos e famílias mais envelhecidas. Antigamente uma pessoa passava a vida toda sem poder conhecer muitas localidades. Mas, agora,agências tem tido crescente busca por casais, grupos de amigos e viúvos, na busca de novas amizades. No território nacional o fluxo tem sido grande, com muitos blogs destinados a expor roteiros excelentes com: preços, dicas de restaurantes, pontos turísticos, cuidados ao se chegar, cuidados ao se deslocar pelas praias, montanhas, cachoeiras, parques, campos, no Pantanal, na Amazônia, no Nordeste todo e nas grandes metrópoles, amplos destinos fazendo todos irem por conta mesmo. Excursões às Cidades Históricas mineiras são alvos fáceis e, também, centros religiosos, tipo: Aparecida do Norte (SP) e o Divino Pai Eterno (GO) atraem muitos fiéis. O número de viagens de ônibus se intensifica nas rodoviárias, graças aos novos tripulantes em busca de novos destinos, onde senhores e senhoras acima de 65 anos saem para acompanhar, como exemplo: a Oktoberfest em Blumenau (SC), o Ano Novo na praia de Copacabana (RJ), o Carnaval em Salvador (BA), o Festival Folclórico de Parintins (AM) e conhecer o Círio de Nazaré em Belém (PA).

58

Agora é a vez

A probabilidade de uma pessoa envelhecer, ficando esquecido e triste no lar, tem sido minimizada. Quantos estão saudáveis, mas, se entristecem e pioram, estagnando-se e sendo colocados de lado em muitas famílias, infelizmente. A qualidade e expectativa de vida ajudam a realização desses passeios, afinal todos os habitantes estão se alimentando melhor e com hábitos bem saudáveis, há mais 30 anos. Já sabendo desses aumentos, novas unidades, tanto de convencionais quanto de veículos com leitos, são encomendados desde já e 2013 promete ter frotas ampliadas pelas grandes empresas rodoviárias. Para o circuito praiano ocorrem as maiores buscas, em destaque na baixa temporada, pois, muitos não possuem compromissos complexos e podem se deslocar, melhorando o comércio local e arrecadando intensamente para os habitantes e prefeituras locais.. Vale a pena! WAGHI ADAS (São Paulo) Artigonal


59

M ARÇ O 20 13


Carlos M. C. Paiva

Coisas de comer.

GASTRONOMIA

Bacalhau e as curiosidades da Semana Santa

Na semana santa, milhões de brasileiros comem bacalhau na sexta- feira. Antigamente o consumo se estendia pela quaresma toda. Os cristãos se alimentavam de peixe em todos os 40 dias que separam a quarta-feira de cinzas do domingo de Páscoa. A abstinência de carne evoca o sacrifício de Jesus que, segundo a fé cristã, derramou o sangue e ofereceu o corpo para nos salvar. Só o peixe não quebra a penitência e, entre as opções de pescado, o Bacalhau é o mais consumido. A maioria dos pesquisadores acredita que foi por ser um peixe salgado, pois, suportava o transporte, sem o risco de estragar, para os lugares mais distantes do interior, numa época em que a refrigeração era desconhecida. Mergulhado em água, o bacalhau adquiria sabor agradável e, além disso, era um peixe abundante, custava pouco e se tornava acessível aos pobres, na época. No cardápio de muitas populações constituía uma importante fonte de proteínas. Sorvendo um gole de história, o bacalhau é encontrado nas águas geladas perto do Polo Norte, onde se situam o Arquipélago de Lofoten (Noruega), as Ilhas da Islândia, Groelândia e Terra Nova (junto à Península do Labrador na América do Norte). Ali os navegadores portugueses descobriram o peixe em 1497, solucionando um importante problema da travessia marítima: a conservação dos alimentos. A partir de então, o bacalhau integrou as provisões das grandes expedições, por exemplo: a viagem de Lisboa à costa brasileira, levava, aproximadamente, três meses. Foram os portugueses que aprimoraram: a técnica de pescar o peixe e inventaram o processo de salgar e de secar, além de, para completar, ter o papel histórico da difusão. O bacalhau é um peixe que se reproduz com velocidade impressionante. Graças à sua vitalidade não foi extinto, pois, a pesca indiscriminada reduziu os estoques de bacalhau dos oceanos, provocando o aumento do seu preço no mercado que, nos dias atuais, já está controlado. O hábito de comer este peixe só se espalhou no Brasil a partir do século 19, tendo como marco a vinda de D. João VI, em 1808, quando da difusão do bacalhau em nosso país, ficando tão arraigada que, até hoje, come-se bacalhau de diversas maneiras e em diferentes ocasiões. E, para você que já aprecia essa iguaria ou depois dessa reportagem se interessou em degustar, segue uma receita muito saborosa e facil de preparar.

Bacalhau à Braz Ingredientes: 3 colheres (sopa) com azeite 3 cebolas cortadas em rodelas finas 1 dente de alho picado 400 gramas de bacalhau em lascas 6 ovos ligeiramente batidos c/ um garfo 2 xicaras de chá com batata palha Sal, pimenta do reino e nos moscada a gosto Salsa e azeitona preta para decorar.

Modo de preparo: Lave o bacalhau e coloque-o de molho por 48 horas na geladeira, trocando a água 2 vezes por dia. Escorra o bacalhau e reserve. Em uma frigideira grande, aqueça o azeite, coloque a cebola e o alho e doure. Junte o bacalhau e refogue por cerca de 5 minutos. Acrescente os ovos batidos, o sal, a pimenta do reino e a nos moscada. Misture delicadamente e deixe cozer até que os ovos fiquem ligeiramente firmes. Adicione a batata palha e mexa. Passe para uma travessa e salpique a salsa e as azeitonas pretas.

MA RÇ O 2013

Sirva imediatamente e bom apetite!

60

CARLOS MANUEL CHAMBEL PAIVA (Arujá\SP) Empresário Restaurante “O Português”


61

M ARÇ O 20 13


Gabriel Possebon

GASTRONOMIA

Coisas de comer só para crianças. Para ganhar a especialidade de cozinheiro no Grupo Escoteiro Sion, do qual faz parte como Lobinho, o garoto Gabriel se esmerou na confecção deste prato, que foi apresentado para a sua chefe Shirley numa manhã ensolarada de um sábado do mês de fevereiro\2013. E o resultado foi que: “conquistou a especialidade.”

SALADA PRIMAVERA Ingredientes

- 1 lata de milho - 1 lata de abacaxi em calda - 1 presunto defumado pequeno - ½ Tender bolinha - 3 colheres (sopa) com maionese

Modo de Preparo

- Picar em cubos o abacaxi em calda e separar. - Picar em cubos o presunto e separar. - Picar em cubos o Tender e separar. - Agora, juntar em uma vasilha adequada: o abacaxi, o presunto, o Tender, o milho e aplicar a maionese, misturando tudo muito bem. - Sirva gelado.

MA RÇ O 2013

GABRIEL POSSEBON V. SOUSA (Arujá - SP) Estudante de 10 anos 6º ano no Colégio Objetivo

62


Uma boa dica para acabar com o desânimo. Pode ajudar a manter o pique sem nenhum sacrifício. Aliás, chocolate é a maneira mais prazerosa que a gente encontra para se manter sempre animado. Manter o pique nem sempre é trivial. Sabemos que praticar atividade física é um caminho saudável para estar de bem com a forma física.

O perdão

Todos os pecados são perdoados Só que, hoje em dia, não tenho a menor dor na consciência. Os cientistas descobriram que o chocolate só tem benefícios. É claro, como tudo, se consumido com moderação. Eu já sabia que o chocolate era responsável por sensação de felicidade e que, também, funciona como afrodisíaco.

A ciência

Agora os estudiosos britânicos do Hospital Universitário NHS, em Yorkshire, descobriram, em um grupo de pacientes, que o chocolate tem bons efeitos contra a síndrome de fadiga crônica.

Chocolate concentra compostos estimulantes, como teobromina e a cafeína. E, como dizem os cientistas: -“Esses ingredientes agem no sistema nervoso central e renovam a disposição.” Os benefícios do chocolate se devem à concentração de flavonóides que o cacau possui em quantidade maior que o chá ou o vinho. Os flavonóides conferem proteção contra doenças cardiovasculares, eles possuem efeitos antiinflamatórios, antiplaquetários e antioxidantes. A ingestão de 50g de chocolate meio-amargo por dia diminuiria cerca de 10% de chance de doenças cardiovasculares, além de combater a arteriosclerose. A ingestão de um chocolate com 70% de cacau em sua composição traria benefícios maiores ainda! É uma grande e boa fonte de energia, contudo, devido às calorias, o consumo deve ser moderado para quem quer manter a boa forma. Ah! Como o chocolate é gostoso!

M ARÇ O 20 13

Chocolate

63


Acontecimentos & Dicas ATITUDE

Alves & Lisboa Advogados Recebe o reconhecimento Aconteceu em: Fevereiro / 2013 As sócias advogadas: Fernanda Aquino Lisboa e Jane Cleide Alves.

It Multimarcas Inaugurou sua loja Aconteceu em: 20/dezembro/2012 Sob o comando de Rose Moraes, foi inaugurada a loja de roupas, que conta com as melhores marcas, além de preços acessíveis e facilidades de pagamento. E, para o mês de Março,apresenta uma imperdível promoção de até 40% de desconto onde você pode encontrar as marcas:

Absolute Comemoram o reconhecimento da ALVES & LISBOA como SOCIEDADE DE ADVOGADOS, registrada na OAB / SP sob o nº. 14.471. Com novo conceito em advocacia, que prima pela excelência no atendimento, se regozijam com esta importante conquista, que merece ser compartilhada com todos os amigos e clientes.

Colcci Forum Dimy

Petinatte Paisagismo Inaugurou seu espaço Aconteceu em: Janeiro / 2013 A “Petinatte Paisagismo” cria, executa e mantém jardins diferenciados e exclusivos, de acordo com o perfil e expectativa do cliente, atuando em diversas áreas como: residências, condomínios, indústrias, áreas públicas e áreas comerciais. Contando com mão de obra especializada e acompanhamento técnico desde o projeto até a execução. Trabalha, também, com venda de terra orgânica, grama, pedras e plantas ornamentais de pequeno e grande porte.

Luigi Bertolli CottonCollors Talita Kume Morena Rosa

MA RÇ O 2013

Acostamento

- vide anúncio na página 37. 64

- vide anúncio na página 11.

- vide anúncio na página 47.


Acontecimentos & Dicas Núcleo Decor

Lança livro de sua autoria.

Colégio Ipê Exposição de Pintura: Releituras

Aconteceu em: Janeiro / 2013

Aconteceu em: 14 à 22 de Fev. / 2013

Aconteceu em: 28 de Janeiro / 2013

Com o título: “Deu a louca no folclore”, faz rir muito e refletir bastante sobre assuntos de que, às vezes, nos esquecemos, apresentando estilo muito peculiar e temas muito interessantes para serem discutidos nas escolas e nas casas. A aventura se passa no mundo fantástico dos personagens folclóricos, dos tipos sociais brasileiros, das cantigas de roda, das lendas e das nossas tradições culturais. A estória é engraçada, divertida e ao mesmo tempo nos leva a refletir sobre vários assuntos, entre eles: a desvalorização generalizada que vem sofrendo nossa cultura de raiz através do culto ao estrangeiro e ao “sempre atual”; a preferência pela tecnologia em detrimento do artesanato; a perda da infância que coincide com a perda de nossas tradições (brincadeiras infantis, cantigas de roda, causos, lendas e parlendas).

Uma exposição de Pintura/Releituras, dos alunos do Colégio Ipê, em Arujá. Entre os trabalhos de destaque, fará parte do acervo, a releitura: “Bailarinas Azuis” (Edgar Degas), pintada pela talentosa aluna Victória Massa Sartori. Sob a orientação da renomada artista plástica brasileira Aleixa de Oliveira, nascida em Mogi das Cruzes, mas, atualmente radicada em Arujá, que elabora belas e surpreendentes pinturas em técnicas com lápis de cor e aquarela. A artista participa periodicamente de exposições em galerias de arte, lojas de decoração e eventos, entre os quais, o mais recente ocorreu na Casa Cor de SP em 2012. Possui obras na Alemanha, Chile, EUA e Portugal, que assim se expressa: -“Além de contribuir para o desenvolvimento de habilidade e competência técnico/visual, contribui para a formação de um patrimônio artístico cultural, de valor, sobretudo, humano, fundamentado na ética e na estética social, portanto, a Arte não se resume apenas a algo relaxante ou um a passatempo“. www.aleixadeoliveira.com.br

No Privê do Clube de Campo de Mogi das Cruzes foi realizada a festa de lançamento do “Núcleo Decor”, um grupo que reúne as principais empresas ligadas ao mercado de arquitetura, decoração e paisagismo do Alto Tietê, criado para formalizar as parcerias com os profissionais da área, garantindo o melhor atendimento e produtos de excelente qualidade aos clientes finais. Até o momento são 20 empresas credenciadas, entre elas estão:

www.edu.dealmeida@hotmail.com facebook.com/edudealmeidaescritor oconsultorliterario@gmail.com

A obra tem 105 páginas e pode ser adquirida, por preço justo, na forma impressa ou na forma digital. A transação deve ser feita pelo site: www.clubedeautores.com.br - vide anúncio na página 05.

Realiza festa de lançamento

- Espaço Laerte Biagioli, - Arujá Calhas, - Ekológika - Autobras - Madô.

Além de primar pela excelência em atendimento e produtos, o Núcleo Decor sabe da importância de reconhecer o talento dos profissionais de arquitetura, de decoração e de paisagismo que desenvolverão programas de atualização direcionando-os a feiras e palestras nacionais e internacionais.

M ARÇ O 20 13

Escritor Edu de Almeida

65


Flávio Gikovate

Vaidade, ambição e inteligência.

PONTO FINAL

Avaliação

Sempre me intrigou o fato de que, a maior parte das pessoas mais inteligentes que tenho conhecido é portadora de uma vaidade muito maior do que a da maioria das pessoas. É claro que existem falhas nesta avaliação subjetiva, até porque não temos meio efetivo de quantificar a vaidade (e a própria avaliação da inteligência nem sempre é muito precisa).

Tipos

MA RÇ O 2013

A ambição parece guardar alguma relação com a inteligência: pessoa mais dotada sonha com posição mais alta para si; o faz por se sentir competente para disputá-la e, também, porque parece precisar muito deste tipo de “alimento” para a sua vaidade. Pessoa mais inteligente e ambiciosa (a que faz qualquer tipo de esforço – ou eventuais ações eticamente duvidosas – com o intuito de atingir seus objetivos práticos) constitui a elite, aquele grupo que se destaca da média e a quem caberia direcionar a vida em sociedade. Deveria fazê-lo em nome do interesse de todos. Sabemos que não age assim e que só cuida de seus próprios interesses.

66

O sucesso

O que, também, precisa ficar claro, é que não cuida do interesse dos outros membros da sua casta: pessoas bem sucedidas disputam tudo umas com as outras. Não há solidariedade alguma entre os sócios de um iate clube e todos disputam para saber quem será o proprietário do maior barco. Há mais solidariedade entre os integrantes de um bairro de periferia do que nos edifícios de luxo. A elite não é homogênea: existem os mais ricos (empresários, profissionais liberais bem sucedidos, artistas e esportistas destacados etc...) e, também, os que se destacam pela atividade intelectual (professores de ciências humanas, cientistas, artistas plásticos etc.). Padecem de uma rivalidade entre si, sendo que estes últimos costumam se considerar como humanistas, mais preocupados com os destinos da maioria da população e gostam de se exibir como portadores de um saber superior. Os ricos não suportam estar em condição de inferioridade em relação a quem quer que seja; os mais voltados para o saber também não!

A elite

Assim, ricos disputam entre si e com os intelectuais; os intelectuais disputam entre si e com os ricos (usam as citações bibliográficas, com a mesma virulência com que os ricos usam o dinheiro). Entre os membros da elite quase não existem amigos. O mais bem sucedido vende a imagem de que é pessoa mais feliz, o que não é verdade. Uma avaliação acurada mostra que é uma pessoa que, durante os anos da infância, compreendeu que não era dotada da quota de privilégios inatos que gostaria e que não se destacaria de forma automática. Graças à inteligência privilegiada, passou a se considerar como altamente desfavorecida, posto que, queria possuir tudo que é tido como o melhor. Alguns eram mais baixos; outros menos aptos para os esportes; outros ainda portadores de um nariz inadequado e assim por diante.

Ambição x Ética

Usaram suas potencialidades e as transformaram em atividades que, também, geram destaque, suprindo assim as frustrações que tanto as amarguravam. A fórmula seria mais ou menos assim: crianças (e depois adultos) frustradas em sua vaidade (já que não chamavam a atenção e se destacavam da forma como acontecia com alguns outros) e portadoras de um tipo de inteligência que não aceita com docilidade suas limitações e imperfeições, desenvolvem uma enorme frustração por não terem sido tão favorecidas pelo destino quanto gostariam. Decidem que irão se empenhar: alguns usando apenas meios lícitos e outros quaisquer meios, para reverter sua condição. A isso se chama de ambição, postura altamente estimulada por nossa cultura (pouco atenta ao caráter duvidoso de sua motivação). A ambição traz consigo competição e esforço para se destacar, o que faz com que o bem sucedido se alegre quando provoca algum tipo de desconforto (humilhação, inveja) nas outras pessoas. Assim, talvez, esta seja uma das vias pelas quais caminhem as piores emoções e as mais nefastas ações que presenciamos em nossa vida social. Se a vaidade estivesse envolvida apenas neste tipo de desastre, já seria uma emoção a ser mais bem estudada e compreendida. Dr. FLÁVIO GIKOVATE (São Paulo) Médico Psiquiatra Conferencista / Escritor



Ser Mais Revista - 50