Page 1

Edição 129 JUN / 2018

7 0 0 1 2196

ISSN 2237-468X

9 772237 468007

Dança Falando de

Edição nº 129 - Ano XI

JUN/2018

Fundado em 12 de outubro de 2007 - www.jornalfalandodedanca.com.br

Visitamos os salões de baile da Casa da Marquesa de Santos e te contamos a respeito, na seção Fique por Dentro

Projeto Carioca Sobre Rodas oferece aulas gratuitas a jovens cadeirantes e condutores. Saiba mais nesta edição

A APDS/RJ se sente honrada com a indicação e agradece à Comissão de Cultura da Alerj

Na seção Um Pouco de História, Petrônio José Domingues conta como foram as festas comemorativas da Lei Áurea, que libertou os escravos (na foto acima, missa campal no Campo de São Cristóvão com a presença da Princesa Isabel). Na mesma seção, Maristela Zamoner nos explica o que os jornais antigos podem nos dizer sobre a história da dança

Na seção de política, Denise Acquarone fala sobre o desenrolar das conferências de Cultura Milton Saldanha: A Turma da Cuca Fresca

CLUB MUNICIPAL

Venha celebrar o dia dos Namorados

Departamento Social: 2569-4822 ramal 211 Diretora Social: Bella Bádua Malheiros

Verde & BAILE Amarelo DO

com a

da o luxuosa Participaçã

SEG | 11 JUN | 16H Informações e venda antecipada de ingresso no

Conheça a lei publicada em maio, que criou o Festival Estadual de Dança de Salão do RJ, o FESTDANÇA

ntervalos SON nos i

DJ GER APOIO

SÁB 18H

Dançarinos de ficha opcional

Casa Elandre R. Alcina 107 Madureira

Realização

Paulinho da Fusão 99594-0952

23 JUN

Catarina Baraúna 97126-1273

convite antecipado R$ 15 mesa R$ 10


Equipe M & N Bailando a Tarde

Almoço Dançante

apresenta: Toda 3ª quar ta-feira do mês , de 12 às 17h

R. Visconde do Rio Branco 701, Centro, Niterói - Tel. secret.: 2717-5023

DOM 10 JUN

BANDA PARATODOS

BANDA W P SHOW

Salão Nobre - 19h

Salão Nobre - 19h

Salão Nobre - 19h

DOMINGUEIRAS

Mais notícias e programação em:

TODA SEXTA 18 ÀS 22H

FAIXA ETÁRIA

ENTRADA FRANÇA PARA ASSOCIADOS Traje: esporte fino*

*calça social / sapato ou sapatênis

DOM 17 JUN

Buffet variado com bebidas e sobremesas incluídos Música ao vivo | Bingo | Sorteios | Dançarinos

DOM 24 JUN

BANDA CONJUNTO ALTO ASTRAL AEROPORTO

cantodorio1913 www.cantodoriofc.com.br

Comemoração dos aniversariantes do mês

Convite Antecipado: R$ 120 (R$ 130 no dia) Desconto para dançarinos

Salão Nobre - 19h

20 de junho

SERESTA

Marco Vivan

com

DANÇANTE

Casa d os Aç ore s Av. Melo Matos nº 25 - Tijuca Reservas: Nelson (21) 97007-4392 ou Myriam: (21) 99962-0759

HUMAITÁ ATLÉTICO CLUBE

BAILE DA MARLÚ

RUA GUIMARÃES JUNIOR 20 - BARRETO - NITERÓI - t. 987-870-068

Seresta Baile

TODO DOMINGO 18H com Edmar no teclado apresentação Teresinha Lima

Roda de samba

DA COPA com música ao vivo

& convidados

Toda sexta, 19h Entrada: R$ 10

inf. 998-263-207

Inf. e lista VIP: GRUPO TENDÊNCIA

Ingr. R$ 10 - Traje: esporte fino

ALUGAMOS ESPAÇO P/EVENTOS

Entrada grátis + 1 cartela 5 GRANDES PRÊMIOS

1º Prêmio:

kit churrasco p/20 pessoas

SÁB - 16 JUN - 17h Inf. 996-760-892

CLUBE TAMOIO

TODA QUARTA ÀS 19H

AV. PRES. KENNEDY 101 SÃO GONÇALO - RJ ARTE / APOIO

AGRADECIMENTOS:

MarlÚ

Música ao vivo

Sempre um cantor diferente

Entrada R$ 12,00 Com direito a mesa Sorteios de brindes

REALIZAÇÃO:

do Monte

Inf.:

3183-5350 | 996.656.977

AABB-Tijuca R. HADDOCK LOBO 227

Almoço Dançante com o grupo

Som e Vozes 2º e 4º domingo do mês Início 12h - ingresso R$ 10

apoio

Almoço com pratos variados a partir de R$ 15

Inf. (21) 964.343.243

Associação dos Servidores Públicos CLUB

MUNICIPAL

Administração:

Luiz Paredes Dias

“Sempre ao lado do sócio” Rua Haddock Lobo 359 - Tijuca - Diretora Social: Bela Bádua - tel. 2569-4822

ALMOÇO DANÇANTE DAS 13 ÀS 19H 03/06 - AEROPORTO 10/06 - PINGOS E GOTAS

TARDE DANÇANTE DAS 16 ÀS 20H

04/06 - W P SHOW 11/06 - BIANCHINI 18/06 - COPA 7 25/06 - OS DEVANEIOS

,

ALMOÇO DOS APOSENTADOS 07/06 - 12H

MARCO VIVAN

Conheça a Domingueira do Clube dos Democráticos

As melhores bandas a partir das 20h R. Riachuelo 91/93

Bailes sociais desde 1867 Lapa - Rio de Janeiro - RJ Salão refrigerado Tel. (21) 2252-4611 ou 99632-6463 (Carlinhos) Estacionamento www.clubedosdemocraticos.com.br

02 O Império Serrano e profª Martinha apresentam JUN Almoço Dançante ASTRAL E RIO BALANÇO SÁB BANDAS ALTO Professora

13H

Informações e vendas >>>

Martinha

99628-1215

DOMINGUEIRAS DA ASPOM

R$ 10 para associado APDS adimplente* *exceto eventos especiais - apresentar carteirinha na validade

Das 18 às 22h

DANÇARINOS DE FICHA (OPCIONAL)

ASPOM - Presidente Levi Meireles

R. D. Hélder Câmara 8484 - Piedade - Inf.: 2596-3974

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 02 - ed. 129 - JUNHO / 2018 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334

DOM 03 JUN


Era leitora frequente da Revista de História da Biblioteca Nacional, descontinuada em 2016 por falta de patrocinadores / anuncianLeonor Costa tes. Tive a honra de ter um artigo meu nela publicado, sobre os 200 anos do anúncio de aulas de dança de salão, de Luís Lacombe, mestre de dança da família real portuguesa. Gostava de como a história era abordada em artigos de leitura prazerosa e de curiosidades várias. A revista me inspirou a criar neste periódico a seção “Um Pouco de História”. Especialmente porque, quanto mais me aprofundo em pesquisas sobre a dança de salão, mais encontro fatos demonstrando o quanto ela foi protagonista em movimentos de afirmação social ou coadjuvante em vários momentos históricos. Nesta edição, em homenagem aos 130 anos da Lei Áurea, que encerrou o regime de escravidão no Brasil, iniciamos a publicação, em série, de pesquisa do historiador Petrônio José Domingues, sobre as festividades, bailes e danças que aconteciam até meados do século passado, em comemoração ao 13 de maio de 1888. Interessante notar, mais uma vez, como os jornais de época ajudaram um pesquisador a reconstituir esses momentos históricos e pinçar detalhes que de outra forma não seria possível. Nesse ponto, Maristela Zamoner contribui com seu texto sobre como os jornais antigos podem lançar luz sobre a história da dança de salão. Para os que apreciam assuntos políticos,

ANO 11 - Nº 129 JUNHO / 2018

Mensagens

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

esta edição traz várias notícias de interesse do nosso segmento, como as conferências de Cultura e a eleição para o Conselho Municipal de Política Cultural do Rio, assuntos abordados no texto de Denise Acquarone. Também trazemos detalhes sobre uma notícia muito valiosa para a dança de salão e seus profissionais: ganhamos mais um destaque no calendário de eventos do estado, com a criação do Festival Estadual de Dança de Salão. Nesta edição publicamos artigo de Myriam Martinez explicando o assunto, a justificativa apresentada pelo autor da Lei do Festdança e o inteiro teor do documento legal. O próximo passo é conseguir que um grupo de abnegados de nosso segmento faça os contatos políticos necessários para fazer valer a letra da lei. O que não será tarefa fácil, a julgar pela participação da dança de salão nos movimentos políticos a que comparecemos (e não raro temos de sair de nossa posição de imprensa para tomar iniciativas em prol da classe). Na seção Fique por Dentro, pequenas notícias para registrar alguns dos últimos acontecimentos. Com destaque para a homenagem que a Associação dos Profissionais da Dança de Salão (APDS/RJ) receberá da Alerj, em reconhecimento aos serviços prestados a nosso segmento cultural. Na mesma ocasião, também o Centro Coreográfico e a gafieira Elite serão homenageados. Um acontecimento que aplaudimos e iremos registrar. Boa leitura.

8EXPEDIENTE | pág. 3 8MENSAGEM AO LEITOR | Leonor Costa | pág. 3 8MENSAGENS DOS LEITORES | pág 3 8POLÍTICAS CULTURAIS | Denise Acquarone | Atualizando informações | DRT | Conferências de Cultura | Interdanças no Forte (Dança da Baixada) | pág. 4 8POLÍTICAS CULTURAIS | Myriam Martinez | Governador sanciona Lei que cria o Festival Estadual de Dança de Salão, Festdança | Justificativa apresentada pelo deputado estadual Jorge Felippe Neto | pág. 5 8FIQUE POR DENTRO | Editado por Leonor Costa | Diploma Heloneida Studart de Cultura | Mapeamento da dança no RJ | Seminário de capacitação do MinC | Casa da Marquesa de Santos | Projeto Carioca sobre Rodas | Projeto Diálogos e Movimentos | Reduto Cultural do Choro | Mostra de dança no Shopping Guadalupe | Congresso da ANDA no Amazonas | Cia de dança de Tocantis se apresenta no teatro da Caixa Cultural | Aulas do prof. Sérgio Castro em Centro Cultural na Praça Seca | Edu Cigano homenageado (Nova Friburgo) | pág. 6 e 7 8UM POUCO DE HISTÓRIA | Leonor Costa | 130 anos de Lei Áurea | Petrônio José Domingues | Os Rituais Costumeiros (Festividades comemorativas da Lei Áurea até início do séc. 20, parte 1) | pág. 10 8UM POUCO DE HISTÓRIA | Maristela Zamoner | O que os jornais do século 19 nos contam sobre dança | pág. 11 8DEPOIMENTO | Milton Saldanha | A turma da cuca fresca | pág 11 8COLUNINHA SOCIAL | Leonor Costa | Circulando pelos eventos de patrocinadores e apoiadores | pág. 12 e 13 8ROTEIRO DE BAILES E EVENTOS | de patrocinadores e apoiadores | pág. 14

Mensagens dos leitores

Assine nosso jornal!

Cupom de assinatura Quero receber o JFD

( ) R$ 30,00 por 6 meses (6 edições) ( ) R$ 60,00 por 12 meses (12 edições) ( ) R$ 120,00 por de 24 meses (24 edições) Nome .............................................................................................................. CPF ........................................................... tel. ( ) ..................................... Endereço para remessa: ........................................................................................................................ ........................................................................................................................ Bairro .......................... Cidade: ................................. Estado: .................. CEP ( )( )( )( )( ) - ( )( )( ) Rio de Janeiro, ___ / ___ / _______ Assinatura

Remeter para: Amaragão Edições de Periódicos - R. Joaquim Silva 11 s/ 408 Lapa - Rio de Janeiro - RJ - CEP 20241-110 Informações: contato@jornalfalandodedanca.com.br (21) 2551-3334 / 99202-6073

Eu agradeço a vocês pela facilidade de novidades no mundo da dança. E também a orientação de eventos relacionado a todos os dançarinos. Um forte abraço a toda a equipe. (José Ribeiro, Facebook) *** Tenho um carinho enorme por esse jornal que tanto nos deixa bem informados. Um dia ainda serei matéria para esse grandioso jornal. (dj Autemir Portuipe, Facebook) *** Parabéns pelo trabalho. (Rudson Monteiro, Facebook) *** Eu não tenho palavras para agradecer o que você fez, os jornais chegaram aqui em minha casa, foi uma surpresa muito grande tô muitoooo feliz mesmo.... (Rolon Ho, de Belém do Pará, destaque de capa da ed. 128 do JFD, via Facebook) *** NR: Olá, leitor, queremos saber suas impressões e opiniões, escreva-nos!

3

EXPEDIENTE Diretores-fundadores: Anderson G. de Aragão, Antônio Aragão e Leonor Costa Editores: Antônio Aragão e Leonor Costa Editoração: Leonor Costa Conselho Editorial: Antônio Aragão, Angela Abreu e Leonor Costa Jornalista Responsável: Antônio Martins de Aragão Registro nº 031.433 / MTPS/RJ Jurídico: Dr Mozart Cruz Lima Neto OAB-RJ 147.790 Fotografia: André lima, Angela Abreu, Antônio Aragão e Leonor Costa Fax/gravação de recados: (21) 2535-2377 Atendimento pessoal: (21) 2551-3334 / (21) 9-9492-9462 (Claro) / 9-9202-6073 (Claro) / 9-91228077 (Claro / Whatsapp) Email: contato@jornalfalandodedanca.com.br Página na Internet: www.jornalfalandodedanca.com.br Facebook: www.facebook.com/ jornalfalandodedanca Escritório: Rua Joaquim Silva 11 sala 408 - Lapa - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20241-110 Fechamento da edição: dia 15 do mês anterior ao mês de capa Distribuição: a partir do dia 1º do mês de capa Pontos de distribuição: Eventos dançantes da cidade (v. roteiro de bailes), escolas de dança e equipamentos culturais diversos Outros pontos de distribuição do Jornal Falando de Dança (telefone antes para certificar-se de que a edição não se esgotou): 8Capézio - Centro de Nova Iguaçu tel. (21) 2767-0055 8Capézio, Copacabana, RJ tel. (21) 2235-5503 8Capézio, Flamengo, RJ tel. (21) 2554-8554 8Sapataria Roma, Lapa, RJ tel. 2510-2121 - Rua Joaquim Silva, 15 8Amazonas Dance, Centro de Niterói tel.2613-3276 - Rua Visconde de Itaboraí nº 365, sobrado 8Parcifal, São Gonçalo tel. 9-6437-7505 8Maricá, região litorânea do ERJ Moreira Studio de Dança, tel. 9-87446884 Assinatura: R$ 60,00 - 12 exemplares/ano (1/mês) Edições atrasadas: R$ 5,00 por exemplar, a ser retirado no escritório do JFD, na Lapa, RJ (sujeito à disponibilidade) As matérias assinadas são de responsabilidade de seus respectivos autores, colaboradores deste informativo. As informações divulgadas nos anúncios publicitários são de responsabilidade dos anunciantes. Proibida reprodução de artes e matérias sem autorização expressa deste informativo, sob penas da lei. Amaragão Edições de Periódicos, Produção de Eventos e de Dança Ltd ME CNPJ 12.071.075/0001-42 Jornal Falando de Dança Fundação Biblioteca Nacional Reg.nº 487.274, Liv. 920, Folha 270 ISSN 2237-468X


4

ANO 11 - Nº 129 JUNHO / 2018

Políticas Culturais

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

Atualizando informações

Nas edições passadas escrevi aqui sobre as políticas culturais, as conferências de Cultura e o questionamento quanto ao registro Denise profissional, no Acquarone Supremo Tribunal Federal. Penso ser o momento de fazer um resumo desses acontecimentos e atualizar as informações.

Arguição de Descumprimento de Preceito Constitucional Na edição de maio, expliquei que a ADPC foi apresentada pela Procuradoria Geral da República (PGR), que entendeu que as exigências feitas pelos sindicatos de artistas, para obtenção do registro profissional na Delegacia Regional do Trabalho (DRT), iam contra o preceito constitucional da livre expressão. O caso estava em pauta para apreciação pelo Supremo Tribunal Federal no dia 26 de abril, porém a presidente do STF, Carmem Lúcia, o retirou de pauta. Isso não encerra o caso. O processo continua no STF, aguardando pauta, ele não poderá “desaparecer” ou ser arquivado sem apreciação. Resta saber quando isso ocorrerá, pois vai depender da decisão da ministra ou de seu sucessor, visto que ela deixará a presidência do STF em setembro. De nossa parte, fizemos o que foi possível: demos grande publicidade ao problema e fomos a Brasília na época para contatos políticos, visando a apresentar nosso posicionamento a respeito do equívoco, no nosso entender, na interpretação do artigo constitucional. Agora é acompanhar com regularidade a pauta do STF, para não sermos pegos de surpresa. E nos manter mobilizados para defender o que achamos correto. Conferências de Cultura A Secretaria Municipal de Cultura do Rio considerou um sucesso a adesão dos agentes da Cultura à plataforma criada para inscrição de eleitores para votar nos candidatos ao Conselho Municipal de Política Cultural (CMPC), que está sendo renovado e

deverá tomar posse na Conferência Municipal de Cultura, marcada para dias 4 e 5 de junho, das 9 às 21h, no Imperator, Méier. Além das que se credenciaram durante as conferências regionais (por área de planejamento ou AP), mais de 2 mil pessoas preencheram o cadastro de eleitor pelo link de inscrição da SMC. O canal para votação online estava previsto para ficar habilitado de 31/05 até as 18h do dia 04/06/18. Estive presente em algumas conferências regionais municipais, por área de planejamento, e pude constatar que, diferentemente de muitos segmentos culturais e artísticos, a dança sempre esteve representada, de forma que tivemos candidatos para a cadeira da Dança em todas as conferências, o que permite uma disputa salutar entre os candidatos. Importante destacar que a Dança, nesse processo, disputa com o Circo a titularidade de uma cadeira de conselheiro, ficando a suplência com o menos votado. Então, é muito importante que os agentes da Dança sejam atuantes e exerçam seu direito a voto. Já no âmbito da Conferência Estadual de Cultura, também acompanhei as caravanas a todas as regiões do estado e participei dos fóruns regionais de Cultura, onde tive a oportunidade de esclarecer dúvidas e falar sobre o Plano Estadual da Cultura - e o da Dança, em particular. Nesses encontros, os participantes foram divididos em grupos de trabalho por eixo temático, para discutir as necessidades da sua região, no que concerne à Cultura, e elencar suas prioridades. Agora, na CEC, os documentos produzidos por esses grupos de trabalho serão apresentados, rediscutidos e postos em votação pelos delegados eleitos nas regionais. Por fim, se dará o processo de escolha dos delegados que representarão o RJ na Conferência Nacional de Cultura, em Brasília. A 4 ª CEC do RJ está marcada para acontecer dias 8 e 9 de junho, das 9 às 19h, no Teatro João Caetano (Praça Tiradentes, Centro do Rio). Participarão da CEC somente delegados eleitos nas etapas municipais e regionais, com a presença de con-

vidados e observadores previamente credenciados. Quanto à Conferência Nacional de Cultura, a expectativa era de que ela ocorresse no segundo semestre deste ano, acompanhando o movimento das conferências a nível municipal e estadual. O MinC, porém, divulgou nota adiando a CNC para ano que vem, sem previsão de data. De qualquer forma, todo o trabalho realizado nos municípios e no estado não estará perdido. O documento final gerado na Conferência Estadual de Cultura será utilizado no Plano Estadual de Cultura do RJ e trabalhado para sua implementação pelas setoriais da dança, do circo, do teatro, da música, etc., e pelo poder executivo (SEC-RJ).

reprodução Facebook

A Dança na Baixada E por falar em participação, registro aqui a iniciativa de Ronaldo Damas, responsável pela edição de junho do projeto INTERDANÇAS NO FORTE, com o tema DANÇA NA BAIXADA. A ideia do produtor é apresentar um mix de linguagens de dança, com a apresentação de grupos de dança da Baixada Fluminense, que abrange 13 municípios do estado do RJ. Ronaldo fez contatos em todos esses municípios e a expectativa é de que consiga trazer ao menos uma apresentação representativa de cada um desses municípios, mostrando ao público da região metropolitana um pouco do que é produzido em dança na Baixada. Para quem não sabe, o Interdanças é um projeto que ajudo a realizar no Museu Histórico do Exército e Forte de Copacabana, situado no Posto Seis. Consiste em uma mostra mensal de dança, de março a novembro, no auditório Santa Bárbara daquele equipamento cultural. Por ser um local de grande visibilidade, a agenda é bastante concorrida e já é fechada nas primeiras semanas de janeiro. Conto com excelentes profissionais da dança que desenvolvem ali um notável trabalho de divulgação dessa cultura. Normalmente, as apresentações acontecem no segundo sábado do mês, mas eventualmente há remanejamento de datas, como acontece

Em um processo democrático e transparente, as conferências foram precedidas de regionais e fóruns de Cultura que atingiram uma amplitude territorial inédita. Na foto, Denise Acquarone, assessora de Dança na Superintendência de Artes da SEC, discursa em um desses encontros, ao lado de Verônica, Superintendente de Cultura e Territórios.

em novembro, quando o MHEx/FC remaneja a data para coincidir com o sábado de encerramento da Semana da Dança de Salão do RJ, uma atividade produzida há anos pela Associação dos Profissionais e Dançarinos de Salão do RJ – APDS/RJ. Neste mês de junho a data também foi remanejada, pois o segundo sábado coincidirá com a realização da Conferência Estadual de Cultura. A DANÇA NA BAIXADA, portanto, será realizada dia 23/06, às 18h, no Forte de Copacabana, e convido os leitores a irem prestigiar este evento e conhecer o trabalho desses profissionais e artistas. ____________ Denise Acquarone é gestora cultural, conselheira estadual de políticas culturais, membro do Fórum Permanente da Dança, diretora honorária do Sindicato dos Profissionais da Dança do RJ e assessora de Dança na Superintendência de Artes da SEC-RJ.


Políticas Culturais

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

ANO 11 - Nº 129 JUNHO / 2018

Governador sanciona lei que cria o Festival Estadual de Dança de Salão - Festdança A Lei 7.961/18, que cria o Festival Estadual de Dança de Salão FESTDANÇA, de Myriam autoria do deputaMartinez do estadual Jorge Felippe Neto (PSD), foi sancionada pelo governador Luiz Fernando Pezão e publicada no Diário Oficial do Executivo no dia 16 de maio. Nos termos da lei, o evento deverá ser realizado anualmente, entre julho e novembro, com fases classificatórias realizadas por regiões do estado. A fase final deverá acontecer na Região Metropolitana, em novembro, durante a Semana da Dança de Salão do RJ, criada pela Lei 3440/2000. O Poder Executivo, através da Secretaria de Cultura, poderá fazer parcerias com a iniciativa privada para a realização do evento e deverá formar um

grupo de trabalho para estabelecer o regulamento para o FESTDANÇA, composto por representantes do governo e por pessoas indicadas pelas entidades representativas dos profissionais da dança de salão do Estado do Rio de Janeiro. “Foram os próprios profissionais da dança que pediram essa proposta, que vem para valorizar a cultura como um todo”, segundo o autor. Vale lembrar que, desde 2010, a criação e regulamentação desta proposta vinha sendo trabalhada junto aos parlamentares na ALERJ pelo assessor parlamentar Evaldo Barbosa, praticante da dança de salão. O primeiro Projeto de Lei foi o de nº 2922/2010, de autoria do deputado Wilson Cabral. Durante a sua tramitação, o PL nº 2922/2010 recebeu emendas para o aprimoramento do texto original, elaboradas em con-

junto por Leonor Costa (Jornal Falando de Dança) e Myriam Martinez (assessora parlamentar na Alerj). As emendas foram aprovadas e incorporadas ao texto final do projeto de lei. Infelizmente, o PL2922/2010 não chegou a ser votado, em função do final da Legislatura de Wilson Cabral, sendo arquivado pela Mesa Diretora da ALERJ em 23/01/2015. Reapresentado em 21/09/2017 pelo deputado Jorge Felippe Neto (PSD), como PL3397/2017, o texto aprimorado pelas emendas tramitou sem restrições, sendo aprovado e sancionado rapidamente. ________ Myriam Martinez é dançarina de salão e assessora jurídica/ parlamentar na ALERJ.

JUSTIFICATIVA

de doenças circulatórias. Durante o momento do exercício, o organismo produz a endorfina, conhecida como hormônio da felicidade. A dança de salão é ótima para uma conotação social, uma integração devido à interação entre as pessoas. A dança vem sendo recomendada até mesmo por psicólogos e psiquiatras, como forma de melhorar a vida social do indivíduo. Muitos procuram a dança de salão porque se sentem sozinhos. A dança de salão afasta a solidão, pois é um meio de aproximação entre as pessoas. No geral, a dança não apresenta contraindicação. Quanto à idade, não existe limite. Estimular a atividade da dança de salão é apoiar ações em benefício da saúde física e mental de nossa população. As academias de dança estão repletas de pessoas de todas as idades. Adolescentes, jovens, adultos e idosos convivem em ambientes harmoniosos, saudáveis, livres de quaisquer tipos de drogas lícitas ou não.

Quando o Estado toma a si a tarefa de estimular a prática da dança está atuando de forma preventiva no campo da saúde, além de estar apoiando as diferentes formas de manifestações culturais nela inserida. Procurados por representantes de instituições de ensino de dança, liderados pelo Centro de Dança Alex de Carvalho, que já foi reconhecido por esta Casa através da outorga da Medalha Tiradentes, aceitamos a missão de retomar o trabalho antes capitaneado pelo então Deputado Dr. Wilson Cabral, e apresentamos a presente proposição já incorporando as sugestões dadas pelas Comissões desta Casa quando de sua anterior tramitação. Com estas considerações esperamos o apoio dos nobres representantes do povo fluminense e a consequente aprovação da criação, por Lei, do Festival Estadual de Dança de Salão. _____DEP. JORGE FELIPPE NETO

A proposta da criação de um Festival Estadual de Dança de Salão foi apresentada à esta Casa pelo então Deputado Dr. Wilson Cabral através do Projeto de Lei nº 2922 de 2010. A referida proposição tramitou por esta Casa recebendo pareceres favoráveis de todas as Comissões pelas quais passou sendo aperfeiçoada ao longo de sua tramitação. Por final de legislatura a proposta foi levada à arquivo perdendo-se, assim, todo o esforço até então realizado e frustrando praticantes e admiradores desta saudável arte. A dança de salão é uma atividade física que pode ser feita por pessoas de todas as idades. Sem contra indicações, é uma opção para quem quiser se exercitar e manter a forma, pois 40 minutos de exercício gastam 600 calorias. É forma preventiva de doenças articulares, como artrose ou artrite e também

5


6

ANO 11 - Nº 129 JUNHO / 2018

Fique por Dentro

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

Alerj homenageará instituições ligadas à dança de salão e a APDS é uma delas A Associação dos Profissionais e Dançarinos de Salão do RJ (APDS/ RJ), o Centro Coreográfico e a Gafieira Elite, três instituições ligadas à história da dança de salão do RJ, serão homenageados em junho com o Diploma Heloneida Studart de Cultura, uma iniciativa da Comissão de Cultura da Alerj. “Esta homenagem muito orgulha a atual diretoria da APDS/RJ, que tem se esforçado em promover a dança de salão com ações socioculturais, educativas e políticas”, afirmou a diretora cultural da instituição, Leonor Costa, também editora do Jornal Falando de Dança, que ano passado foi homenageado com este prêmio, pelos dez anos de sua fundação. A Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) divulgou os nomes das 39 pessoas físicas e instituições que receberão o Diploma Heloneida Studart de Cultura de 2018 durante reunião realizada dia 23/05/18. O diploma é um instrumento de reconhecimento e estímulo às boas práticas culturais do estado. Além das já citadas instituições, receberão o diploma, pelas ações na área da Dança, o Núcleo de Dança para Atores (Cia de Teatro e Dan-

ça), Companhia de Dança Folclórica Forrozão Junino e a prof. Safira el Hamad. Segue a relação completa dos contemplados. 1. Abassá Lumyjacaré - Cultura afro-brasileira 2. Álvaro Maciel - Artes visuais / Cultura afro-brasileira / Cultura popular 3. Andréa Cunha - Artes cênicas 4. Associação Cultural Recreativa Filhos de Gandhi RJ - Cultura afro-brasileira / Cultura popular / Música 5. Associação dos Profissionais e Dançarinos de Salão (APDS/ RJ) - Dança 6. Biblioteca Comunitária Esperança do CCMB Literatura 7. Bar América Gastronomia - Literatura 8. Carlos Roberto da Conceição de Carvalho - Cultura afrobrasileira / Cultura popular 9. Casa do Músico - Música 10. Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro - Dança 11. Cine Teatro São João - Artes integradas / Audiovisual 12. Coletivo Aquidabã - Artes Cênicas 13. Coletivo Ateliê Jovens

Minc promove seminário de capacitação no Rio O Circuito #culturagerafuturo está percorrendo capitais brasileiras para capacitar artistas e produtores culturais em temas como economia criativa, Lei Rouanet, Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) e outros mecanismos de fomento, assim como es-

timular empresas a patrocinar projetos culturais. Em sua página www.cultura. gov.br, o Minc disponibiliza o link para preenchimento do formulário online para a edição que será realizada na capital fluminense, em local a informar, dia 15/06.

Escritores - Literatura 14. Coletivo Flor de Maio Humanizar - Cultura afrobrasileira 15. Companhia de Dança Folclórica Forrozão Junino - Cultura popular / Dança 16. David Bispo - Gastronomia 17. Eric Fanuel - Artes integradas / Cultura popular / Música 18. Feira Literária em Santa Maria Madalena (Flim) - Literatura / Artes Cênicas / Música 19. FLORART - Artesanato / Literatura 20. Gafieira Elite - Cultura popular / Dança / Música 21. Gracy Mary Moreira - Cultura afro-brasileira / Cultura popular / Dança / Memória / Música 22. Juliane Soares - Música 23. Julio César Morais - Cultura afro-brasileira / Cultura popular / Memória 24. Leandro Alessandro - Cultura popular 25. Marilda de Souza (Griô) Cultura afro-brasileira / Cultura popular 26. Núcleo de Dança para Atores (Cia de Teatro e Dança) - Artes cênicas / Dança 27. Phabricio Petraglia - Literatura

28. Piraporiando - Literatura 29. Economia Criativa da Zona Oeste - Artes integradas 30. Praça CEU – Planeta Futuro - Artes integradas / Artes visuais / Artesanato / Dança / Gastronomia / Literatura / Moda / Música / Teatro 31. Projeto Puxando ConversaMúsica 32. Renata Ferreira - Cultura afrobrasileira / Empreendedorismo / Moda / Cultura e Saúde 33. Ronaldo Santos - Cultura afrobrasileira / Cultura popular / Cultura tradicional quilombola / Música 34. Sacra VOX - Música 35. Safira el Hamad - Dança 36. Sergio Alves - Literatura 37. Tânia Pires - Artes cênicas / Literatura / 38. Tenda Espírita Santa Bárbara – Cabana de Pai José - Cultura popular / Cultura tradicional 39. Vovô Lumiar - Gastronomia / Música A premiação acontecerá em junho, em local que ainda será definido. Espera-se o comparecimento da classe da dança, prestigiando as homenagens às instituições que lhe dão visibilidade.

SEC-RJ espera mais adesões ao mapeamento regional da dança A Assessoria de Dança da Superintendência de Artes da Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro, com o auxílio dos representantes regionais, continua fazendo o levantamento das atividades ligadas à dança no estado, coletando dados via formulário a ser preenchido online. Esse formulário tem por objetivo organizar as informações recebidas de todos que tenham algum protagonismo neste segmento, seja produtor, artista, coreógrafo, personal, instrutor, diretor de escola de dança e de grupos de dança, comunicadores, técnicos

do setor, dentre outras atividades. Assim que organizadas, as informações serão enviadas a todos os municípios, onde os conselheiros de cultura, representantes de fóruns e associações de dança poderão trabalhar seus planos de cultura e de dança. É de suma importância, para o fomento da dança e direcionamento de investimentos públicos, que os interessados acessem a plataforma e preencham informações simples, como dados para contato e em que atividade trabalha. Url do formulário: https://goo.gl/ forms/5xyk4Uk0OgE5FDNw1


A lei municipal, de coautoria do vereador Reimont, já foi promulgada, criando o espaço “Reduto Cultural do Choro Alfredo da Rocha Vianna Filho (Pixinguinha)”, na Praça Ramos Figueira, em Olaria.

Mostra de Dança em Guadalupe

O Shopping Jardim Guadalupe, na Av. Brasil, promoverá, dia 03/06, uma mostra de dança, das 13 às 17h, com apresentação de grupos de diversas linguagens da dança, nas categorias infantil e adulto. Interessados em participar deverão fazer a inscrição no Serviço de Atendimento ao Cliente.

Congresso da ANDA

A Associação Nacional de Pesquisadores em Dança – ANDA, promoverá seu quinto congresso na Universidade do Estado do Amazonas, de 20 a 23 de junho, com a temática “ A dança e a crescente economização das formas de vida”. O evento marca os dez anos de fundação da instituição.

Companhia de dança de Tocantins se apresenta na Caixa Cultural

A CAIXA Cultural Rio de Janeiro apresenta, de 07 a 10 de junho de 2018, no Teatro de Arena, Centro do Rio, o espetáculo Olhai por Nós, a mais recente produção da companhia Lamira Artes Cênicas, grupo de artes cênicas de Palmas, Tocantins, criado em 2010. O espetáculo cênico-musical aborda questões humanas como a esperança, trazendo a reflexão sobre a força que existe no “acreditar em algo” e nos caminhos que levam os seres humanos na busca por se tornarem pessoas melhores. A temporada tem patrocínio da Caixa Econômica Federal e do Governo Federal.

Aulas de dança de salão no C. C. M. Profª Dyla Sylvia de Sá

O Centro Cultural Municipal Profª Dyla Sylvia de Sá, na Praça Seca, recebe todas as segundas, de 14 às 16h, a extensão do projeto de dança de salão do Parque Municipal Pinto Teles, sob patrocínio do vereador Prof. Célio Luparelli. A coordenação das aulas é do prof. Sérgio Castro.

Escola de Dança Edu Cigano no desfile dos 200 anos de Nova Friburgo

A cidade serrana comemorou seu bicentenário dia 16/05, com várias atividades, dentre as quais, um desfile pelas ruas da cidade, que contou com a participação da Escola de Dança Edu Cigano. Também este mês Edu foi homenageado pela Galo de Ouro Pesquisas e Publicidade, com honra ao mérito, por ter sido sua escola de dança consagrada em primeiro lugar na pesquisa de opinião pública promovida por aquela entidade.

Inscrições abertas para o concurso Diva dos Bailes

Confirmado para dia 24/11, o evento, realizado no intervalo do baile de mesmo nome, já está com inscrições abertas para o concurso das damas concorrentes ao título 2018, com direito a premiação em dinheiro, troféu, faixa e brindes. Maiores informações podem ser obtidas junto a EroSampaio, realizadora do evento. Leonor Costa, editora do Jornal Falando de Dança, participará novamente da banca de jurados.

7

Casa da Marquesa de Santos realiza palestra com visita guiada Dia 17/05/18 a equipe do Jornal Falando de Dança participou como ouvinte da mesa-redonda “Conversas no Museu: Arquitetura e Arte”, realizada na Casa da Marquesa de Santos – Museu da Moda Brasileira, em São Cristóvão. Além de conhecer a história da construção e de seus ilustres moradores, houve uma visita guiada pelos salões do palacete (foto), que está fechado ao público, aguardando projeto de restauração. O palacete, após servir de residência à marquesa, foi usado no Primeiro Reinado como local de recepções e bailes promovidos pelo Imperador Dom Pedro I. “O evento enriqueceu meu conhecimento sobre o local e contribuiu para a pesquisa que estou desenvolvendo sobre os salões de bailes do Rio Antigo. Inclusive o local, por ser museu de moda, tem acervo interessante de roupas de festas e objetos correlatos, como os carnês de dança e os leques de bailes, que tinham simbolismos para além de sua função prática de ventarola”, informa Leonor Costa. A editora do Jornal Falando de Dança pretende incluir essas curiosidades na palestra sobre história da dança que irá proferir no Centro Coreográfico, dia 29/07, no projeto Diálogos e Movimentos.

Jornal Falando de Dança

Lei 6.336/2018 cria Reduto Cultural do Choro

ANO 11 - Nº 129 JUNHO / 2018

Fique por Dentro

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

Projeto Carioca sobre Rodas abre turmas gratuitas de dança de salão Jornal Falando de Dança

Sob direção de Marcelo Martins (Escola Carioca de Dança), o projeto destina-se a crianças e adolescentes cadeirantes e é inteiramente gratuito. “Nosso projeto existe desde 2012, é inédito na cidade do Rio, e hoje contamos com o patrocínio da Prefeitura do Rio e da Smart Fit”, informa Marcelo. O projeto abrirá novas vagas em junho, para 15 cadeirantes e 15 andantes condutores, e as aulas acontecerão na própria escola. Atualmente o projeto está com uma turma de já iniciados, aos sábados, das 11h às 13h.. Informações podem ser obtidas no perfil da Escola Carioca, no Facebook.

Syllabus do Samba, Oficina de valsa e palestra de história encerram o projeto Diálogos e Movimentos

Restam somente duas edições a realizar deste projeto promovido no Centro Coreográfico, Tijuca, pela Associação dos Profissionais e Dançarinos de Salão – APDS/RJ. Em junho, dia 10, o diretor comercial da APDS, Rodriguinho Barcelos, coordenará a edição dedicada a debater e estudar o syllabus do samba, em sequência à edição do dia 27/05, na qual Sérgio Castro, conselheiro fiscal da APDS, deu continuidade aos estudos promovidos pela entidade, sobre syllabus

do bolero, e que resultou em cartilha publicada sobre o tema. Encerrando o projeto, Leonor Costa, editora do Jornal Falando de Dança e diretora cultural da APDS, proferirá palestra sobre história da dança de salão, seguindo-se uma dinâmica de movimentos com base na valsa, coordenada pelo vice-presidente da instituição, Gustavo Loivos. Desde 2015 a APDS/RJ tem focado em atividades socioculturais educativas, como meio de qualificar os associados e fomentar os estudos dessa linguagem da dança. “Fazemos votos para que a nova diretoria, a ser eleita no final deste ano, tenha o apoio da classe e dos associados para continuar este trabalho”, declarou Leonor Costa, lembrando que em junho a instituição será homenageada pela Alerj por suas iniciativas culturais em prol da dança.


CASA DE DANÇA SÉRGIO CASTRO

RUA QUIRIRIM, 1523 - CASA 5 - VILA VALQUEIRE Inf. 3390-9650 - 9.8626-5044 - 9.8626-5340 casadedancasergiocastro@yahoo.com.br Convênios

BOLERO, SAMBA, FORRÓ, SOLTINHO E OFICINA DE SAMBA SAMBA INICIANTE E INTERMEDIÁRIO TODA 4ª 20h30

ZUMBA às 3ª e 5ª feira, manhã e noite

PROFS.SÉRGIO CASTRO ANA CASTRO

Dança do Ventre

APPAI ASSIST APDS/RJ

Bailes:

1º 2º 3º 4º

sábado sábado sábado sábado

| | | |

Escola de Dança

Rastapé & Batucada Tum & Tum Zouk+ Milonga Carioca

Botafogo

Espaço de Dança Adriana Gronow & Paulinha Leal R. Arnaldo Quintela 22 - tel. 2542-2040

Niterói & São Gonçalo

DANÇA DE SALÃO | RITMOS QUENTES (SALSA E ZOUK) | CURSO DE FORRÓ Escola de Dança Reinaldo Gonçalves

tel. (21) 2221-1011 / 99265-5035 Rua Riachuelo 109 - Lapa - Rio - RJ www.renatapecanha.com.br

goncalvesdanca@gmail.com - www.escola-danca-reinaldo-goncalves.webnode.com

Inf. (21) 9-9741-8373 (Vivo) / 9-8473-4868 (Oi) Em Niterói: Avenida Amaral Peixoto 36 s/415 - Galeria Paz - Centro Em São Gonçalo: Rua Nilo Peçanha 320 - Centro

ha s l fi & is e R a h in r e V ia m e d a Ac

Rua Com. Rodrigues Alves, 1667 Centro de Nilópolis – RJ 979.346.639 988.962.276

Alvaro’s Dance Conforto, credibilidade, profissionalismo e bom atendimento DANÇAS DE SALÃO bolero-fox(soltinho)-forró-tango-salsa zouk-samba de gafieira-samba no pé NOVIDADE: ballet clássico e flamenco

Dir.: Álvaro Reys

Informações:

HAPPY HOUR

Toda terceira quinta-feira do mês das 15 às 18h, com dançarinos

Casa de Dança

Carlinhos de Jesus

DANÇAS DE SALÃO

R. Álvaro Ramos 11 Botafogo

às terças - 17 às 19h

TODOS OS RITMOS

t. 2541-6186

Profª Luciana Santos

2547-0861

R. Barata Ribeiro 271, sobrado - Copacabana - RJ

No Castelo, Centro do Rio, pertinho de seu trabalho:

NOVO DIA

Academia Luciana Santos

Av. Franklin Roosevelt 137 - grupo 701/703

ESPECIALIZADA NA 3ª IDADE

Inf. 9-9986-7749

Espaço Cultural Taquara

DANÇAS TEATRO arte

Estrada dos Bandeirantes 759 sala 202 - Jacarepagua´ Venha fazer uma (Em frente ao BRT André Rocha, em cima da Academia SA) aula experimental Danças de salão | Teatro | Charme | Sapateado | Dança do Ventre | Ritmos quentes | Tango | Samba no pé | Zumba

-272 1 9 5 7 21 99 Roger Khaio

FIFI

Direção: David Theodor

FALADEIRA

Castelo da Pavuna e Quarteto em Cima apresentam

19h30

MA O AR

SA

PA T

I AR

JULIANA OLIVEIRA

C ONSERTOS

CONVÊNIOS:

Registro Profissional (DRT) nº 46.947 - Certificado pelo Sindicato dos Profissionais de Dança do RJ (CQID | 2010)

Uma divertida personagem para fazer sorrir seus convidados. Humor leve, descontraído, para todas as idades.

07 JUL Sábado Vou Sabadá BANDA MILÊNIO SÁB Participação da cantora

Aulas personalizadas e pequenos grupos | coreografia para casamentos e debutantes | Excursões dançantes | Equipe de dançarinos | Aluguel do espaço | som e iluminação

APOIO CULTURAL

X-Bread Aliance Brasil Samba de Primeira

EXECUTA-SE QUALQUER CONSERTO QUE FAZ PARTE DA ARTE COM A MÁXIMA PERFEIÇÃO RUA JOAQUIM SILVA, 15 - LAPA TEL. 2510-2121

3342-3253 | 99113-3817 | 9-9299-4078

contato@espacoculturaltaquara.com.br | www.espacoculturaltaquara.com.br

2 DEZ

ASPOM

E AMIGA ANGELA

DOMINGO 18H30

CONVIDAM

aniversário da

AMIGA ANGELA

BANDA

NOVOS TEMPOS

Traje esporte fino

apoio:

Realização Angela Abreu

ingressos antecipados c/ desconto

Inf.: 3017-0953

9-7679-4093 / 9-9973-1408 . R. D. Hélder Câmara 8484 - Piedade

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 08 - ed. 129 - JUNHO / 2018 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334

Com este, 1 aula grátis e isenção de matrícula

Escola de Dança Reinaldo Gonçalves


78 ANOS DE TRADIÇÃO Terça-feira A melhor programação Noite Dançante musical de terça a Show com banda domingo a partir das 20h

Quarta-feira DJ a partir das 20h

Quinta-feira Baile da Gaúcha Show com banda a partir das 20h

Sexta Carioca DJ a partir das 20h

Sábado Especial com 2 bandas DJ nos intervalos a partir das 21h

G. R. ESCOLA DE SAMBA PORTELA ADM. LUIS CARLOS MAGALHÃES R. CLARA NUNES 81 - OSWALDO CRUZ - TEL 3217-1604

O SÁBAD

16 JUN

GRANDE PING-PONG!

NOVOS TEMPOS & ALTO ASTRAL ORGANIZAÇÃO: GERALDINHO DOS CLUBES e VALDECI DE SOUZA

AILE AS DE BLO R O H S I SE ERVA SEM INT ORE COMEM RSÁRIO NIVE SEU AONOSCO! C

DE TERÇA A DOMINGO

Você vatoi afadciolitado Pagamen Informe-se

COM AS BANDAS

16 H

PIZZA NA LENHA

Viaje conoscrao r

Apresenta

INGRESSO ANTECIPADO NA HORA

INGRESSO

R$ 30

R$ 20

COM O ANIVEMORAND O ERSÁ VALDE CI DE RIO DE SOUZ A

MESA R$ 20

S ANTECIPADOS NO G.R.E.S. PORTELA

ou com BANHA - KARLA FALCÃO - JOÃO DO BRASIL SHOW GERALDO LIMA TEL: 2527-2300 / 9.8874-0012 VALDECI DE SOUZA TEL: 98179-5710 / 3256-9411

DO A MARCA

manhã Café da , janta almoço a a e tod ura trut A D A r S inf aes sada. R E PO U E Z A L E u c ac u SÍTIO D da po ras de Ma

Cachoei

01 JUL SADA N U J 0 3 A POU

| UNINA N s típicas | FESTA J a d i m o C a| s| | Fogueir | Com dançarino os | Bailinh pessoa* / 0 6 3 $ |R *apartamento duplo ou triplo, sem condução

Apoio

DO s) FERIA O N aída s s S a E OS AIR (temos outr tes

BUEAN6 SETEMBRcOity tour, 3 nonoi cartão SAÍD , transfer, entr + 9 x Aéreo a manhã, 9 + taxas café dir de USD 64 A par t

APOIO:

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 09 - ed. 129 - JUNHO / 2018 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334 ao arcadofar m/sitio.m o c . k o o b e f ac

O local perfeito para festejar! Mais de 70 pratos quentes e frios e aquele churrasco Rua das Laranjeiras 114 - Reservas: 2558-2558 - gauchareservas114@outlook.com

Domingo Forró a partir das 23h

: julho a saída im x ó r p ransfer, , gem, t manhã, ia v Park, ro segu fé da entral aérea, ttan com ca pic nic no C m e g a , o Pass anha seus rnizaçã s em M ara mu 7 noite , ingressos p r de confrate dos s ia r c ta city tou ompras, jan s, finan c + taxa tour de e USD 2.999 d A partir osto da: 31 de ag , próxima saí m café da

NEW YO

PORTUGArLea, transfer, hospedagem coorto),

INF.(21) 2711-8297 / 2714-9048 / 99399-6284 / 97919-4269

21 99964 1322 Direção: Lilian Rosemary Weeks

ASPOM

ASPOM

CONVIDAM

BANDA

ALTO ASTRAL

Traje Esporte fino

ed 2018

ingressos antecipados c/ desconto

R. D. Hélder Câmara 8484 - Piedade

E AMIGA ANGELA

CONVIDAM

Inf.: 3017-0953 / 9-7679-4093 / 9-9973-1408

R. D. Hélder Câmara 8484 - Piedade

Traje Esporte fino

PAIS

E AMIGA ANGELA

10 AGO

DESTAQUES DE PASSEIOS RODOVIÁRIOS: PASSA QUATRO SÃO LOURENÇO CONSERVATÓRIA E MUITOS OUTROS SOLICITE NOSSAS PROGRAMAÇÕES

Informações e vendas: lrweeks@superig.com.br

Org. Margarida Mitterlbach - mittelback@pronet.com.br - www.amarcadofarao.com.br

S O D E L BAI

ÓTIMOS PREÇOS

ites em P Passagem aé cobaça, Lisboa e 3 no em s ite no a, Óbidos, Al 4 ( im t Fá a manhã s ta i oa, Porto), vis city tour (Lisb ) ro e Coimbra ei v Batalha, A s, financiados xa a t + 99 2 . 2 D US e d A partir

TRANSPORTE SOB CONSULTA

sexta 19h

RK

DISNEY E ORLANDO

apoio:

20JUL

2018 sexta

19h BANDA NOVOS TEMPOS

apoio:

ingressos antecipados c/ desconto

Inf.:

3017-0953 / 9-7679-4093 / 9-9973-1408

Realização Angela Abreu


10

ANO 11 - Nº 129 JUNHO / 2018

Um pouco de história

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

130 anos da Lei Áurea Missas, festejos e muitos bailes marcaram as primeiras décadas de comemoração da abolição da escravatura no Brasil Em maio passado comemorou-se exatamente 130 anos da aprovação, pelo Senado, da Lei Imperial 3353/1888, que Leonor Costa oficialmente decretou o fim do regime de escravidão no país. Ato contínuo, a Princesa Isabel, na função de regente do Império do Brasil (D. Pedro II encontrava-se em viagem), sancionou com uma pena de ouro a Lei Áurea, sendo aclamada por uma multidão, na sacada do Paço Imperial, na Praça XV de Novembro, Centro do Rio. A aprovação da lei já era esperada, tanto que logo após o início do trâmite, na Câmara, com a apresentação do projeto de lei pelo ministro Rodrigo Silva, representantes dos principais periódicos da época formaram uma comissão para realizar festejos populares após a promulgação. A comissão tratou de promover a programação festiva junto à população, apelando para que as ruas fossem ornamentadas e para que o comércio não funcionasse durante as comemorações. Os comerciantes contribuíram com dinheiro e o Sport Club doou a arrecadação do páreo do dia 13 de maio de 1888. Mas não foi só na cidade do Rio de Janeiro, então capital do Império, que a lei foi celebrada. A notícia se espalhou pelo território nacional e uma série de festejos foram realizados em muitas cidades. Desde de então, até meados do século passado, o dia 13 de maio era marcado por cerimônias, missas, homenagens e ... Bailes, muitos bailes. Como demonstra o historiador Petrônio José Domingues, em trabalho publicado na Revista Brasileira de História, em 2011, sobre as comemorações da abolição da escravatura no Brasil. Com a autorização da mencionada publicação, dedicaremos esta e as próximas edições a levar ao conhecimento do leitor a interessante pesquisa de Petrônio Domingues, que demonstra, mais uma vez, como os bailes e, consequentemente, as danças de salão, estão presentes nos principais acontecimentos históricos, sendo esta uma característica da nossa cultura. ________ Leonor Costa é editora do Jornal Falando de Dança

Os Rituais Costumeiros Petrônio José Domingues*

A assinatura da chamada Lei Áurea ocorreu em 13 de maio de 1888. Era um domingo, de tarde ensolarada. O Rio de Janeiro, capital do Brasil, foi tomado por um ambiente de exultação. Os populares – ex-escravos, forros, livres, africanos, crioulos, negros e brancos – saíram às ruas e comemoraram numa explosão de alegria nunca vista na história da nação. Apesar de sua timidez peculiar, Machado de Assis não se conteve diante daquele acontecimento extraordinário e fez questão de lavrar em crônica seus sentimentos impetuosos: “Todos saímos à rua. Sim, também eu saí à rua, eu o mais encolhido dos caramujos, também eu entrei no préstito, em carruagem aberta ... Verdadeiramente, foi o único dia de delírio público que me lembra ter visto”. Coelho Neto, outro escritor que testemunhou o 13 de maio, traçou em romance autobiográfico um painel candente das comemorações. Nas adjacências do Senado, o povo ondulava ‘ovante’ e mais de ‘vinte mil bocas’, em uníssono, aclamavam; iam chapéus ao ar, lenços tremulavam e, aos arrancos impulsivos, foguetes rasgavam os ares ‘espoucando na altura’. As horas passaram em agito alucinante. Nas janelas de algumas casas, as bandeiras balouçavam-se. “Bandos percorriam as ruas, cantando. Saíram serenatas e grupos de negros com os seus maracás e os seus recorecos e, a luz de archotes, começaram os carpinteiros a martelar construindo coretos ou fincando postes para a ornamentação”. As pessoas desfilavam, aplaudiam, gesticulavam, bradavam palavras esfuziantes, levantavam vivas aos heróis do novo tempo, recitavam poesias, entoavam músicas variadas, dançavam, bebiam, em uma só

palavra, se comoviam. O apoio popular foi total, alegre e dramático. As festividades entraram pela noite adentro e, mesmo debaixo de chuva, se estenderam por oito dias seguidos. Até o dia 20 de maio, o Rio de Janeiro parecia ‘de cabeça para baixo’, na feliz expressão de Eduardo Silva. Paralisou o “porto, os trens de carga, as repartições públicas, o serviço de correios, os bancos, as escolas públicas e particulares, tudo parou para ver e participar da festa, até a fadiga mais completa”. Nas cidades do interior, a receptividade ao decreto de emancipação foi surpreendente. ‘Liberdade’ era o termo que circulava entre os escravos de uma fazenda para outra; um filho de um fazendeiro, da cidade de Vassouras, teria se precipitado pelas fazendas gritando: “De agora em diante somos iguais, somos um só”. Durante três dias e três noites podia-se ouvir o eco dos tambores enquanto libertos iam à desforra com o caxambu. Esses eram realizados próximo das vendas e tabernas, onde se podia comprar roupas que simbolizavam a mudança de status: chapéus, ternos, sapatos e guarda-chuvas eram ansiosamente procurados. Segundo Stanley Stein, jongueiros pautaram o evento de 13 de maio em suas composições, referindo-se à atitude vacilante do Imperador (‘pedra’) em relação à abolição e elogiando o ato de sua filha (‘rainha’): Eu pisei na pedra, pedra balanceou Mundo ‘tava torto, rainha endireitou. Ou: Eu ‘tava dormindo, Ngoma me chamou Levanta povo, cativeiro já acabou.

Por meio da telegrafia, a notícia de que o ‘cativeiro já acabou’ se espalhou pelas províncias, contagiando boa parte do Império. Em São Paulo, a reação do público foi arrebatadora. Desafiando o tempo frio de 13 de maio, uma multidão se reuniu para comemorar nas ruas e praças públicas. Cronistas eufóricos chegaram a descrever: “nunca se viram, nesta capital, tamanha multidão e tamanho e tão unânime entusiasmo”. Em depoimento prestado a Gilberto Freyre, Maria Vicentina de Azevedo Pereira de Queirós – proveniente de família aristocrática e nascida em 1868 –, confessa ter sido com imensa ‘alegria’ que recebeu a notícia da Abolição e, em São Paulo, onde residia, assistiu “às grandes festas que fizeram na data de 13 de maio. Armaram grandes coretos nas ruas principais e ao som de bandas de música os escravos dançavam e cantavam, dando vivas e mais vivas à princesa Isabel, a Redentora, a José do Patrocínio, Antônio Bento e outros defensores da raça”. Curiosamente, o testemunho da aristocrata da família Pereira de Queirós coincide com o de Maria Chatinha, uma ex-escrava. Morando numa fazenda em Tremembé, em São Paulo, esta recorda como a notícia da Lei Áurea causou polvorosa entre os seus companheiros asenzalados: “quando gritô a liberdade... ah! meu Deus!, como a negrada gritava, como a negrada cantava!, como a negrada dançava baile, caxambu, caqueretê, mazuca, baile, esse ... jogue ... e cantava, eu ainda me lembro! do dia, até o que eles cantaram”. (continua na próxima edição)

________________

*Petrônio José Domingues é mestre em História Política do Brasil e doutorado em História Cultural. Reprodução autorizada pela Revista Brasileira de História.


www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

Um pouco de história

ANO 11 - Nº 129 JUNHO / 2018

11

O que os jornais brasileiros do século XIX nos contam sobre dança O estudo da dança em periódicos do século XIX, no Brasil, permite uma percepção única. Por este Maristela Zamoner estudo é possível entender que, em uma continuidade ao que vinha do século XVIII, as danças de baile ainda estavam muito ligadas ao ballet e ao teatro, mas já recebiam a pressão de mudanças históricas das sociedades e da influência de culturas não europeias. No século XIX a dança era uma atividade importantíssima porque movimentava de forma integradora diversos setores da sociedade, intensificando as relações sociais, oportunizando a constância dos encontros entre as pessoas e os intercâmbios culturais, políticos e econômicos. Estava viva em espetáculos cênicos, multiplicavam-se pelo país as sociedades destinadas à sua prática, professores e escolas de ensino formal ofertavam aulas ao público infantil e adulto. Promoviam-se até bailes para crianças. Produtos para dança eram ofertados à venda, desde ornamentos até mesmo sapatos próprios para as pistas. As partituras musicais anunciadas pelos jornais frequentemente citavam sua finalidade voltada para a dança. Não raro, a arquitetura de edificações, inclusive residenciais, previa salas para dança, nem que fossem espacialmente reduzidas em relação aos grandes salões. A dança também era tema notavelmente motivador da literatura, pois os acontecimentos típicos dos salões de baile inspiravam diversos autores. Personagens eram referidos como bons dançarinos de sala ou mestres de dança. Era assunto para artigos que a criticavam e a exaltavam, textos sobre sua histó-

ria, suas técnicas, seus benefícios. e quais danças se praticavam. O século XIX brasileiro viveu Livros sobre dança se ofertavam à Neste tempo e neste território, intimamente os salões, as pistas e venda ao grande público, incluin- viu-se o reinado soberano da val- as indescritíveis emoções que um do os que objetivavam ensinar a sa, a primeira dança improvisada par sente quando experimenta uma qualquer pessoa sem o auxílio de no salão, que libertou o par das dança. Estudar este tempo é uma um mestre. Certamente os editores coreografias criadas fora das pistas viagem deliciosa ao passado, uma e impressores investiram em seus pelos mestres, da obediência a um viagem que nos permite vislumbrar títulos porque havia público con- regente de dança que atuava dentro as raízes de cada um dos passos siderável para consumir conheci- do salão durante o baile e também com os quais desenhamos nossos mento sobre dança, gerando lucro. da necessidade de ligação com ou- caminhos! A música para dança era tocada tros pares. Estas características da _______ ao vivo e as partituras de valsas, valsa, que se espalhou com intensi- Maristela é professora de dança no polcas, quadrilhas e tantas outras dade ao longo do século XIX, per- Paraná, pesquisadora e autora de danças, frequentemente ofertadas mitiram um salto evolutivo signi- vários títulos, dentre os quais quaà venda, revelavam oportunidade ficativo na história das danças, em tro livros publicados sobre dança de trabalho para muitos músicos e especial as de baile. de salão fabricantes de instrumentos. Ao mesmo tempo, Depoimento a dança foi uma das atividades que oportunizou o trabalho para mulheres num tempo em que nem ao Algo que nunca entendi trabalham, são pobres, moram e vivem menos podiam votar. é como certas pesso- mal, geralmente em cortiços. Vivem E as danças trazidas as conseguem viver no de biscates, incluindo eventuais aulas e praticadas por poócio e sem esquentar a de tango para turistas, sempre presenpulações de origem cabeça. Não vai aqui tes nos bailes, chamados milongas, em Milton Saldanha africana, mostravam nenhuma lição de moral Buenos Aires. presença, resistência a ninguém, quem sou eu No perfil desse grupo, comer é see força de uma culpara ditar regras. E mal dou conta de cundário. Basta se virar. E pensar em tura poderosa. Isso é cuidar da minha própria vida. Entro no projetos e em futuro é algo que não bem exemplificado tema por mera curiosidade. lhes passa pela cabeça. Se arranjam pela prática do batuEm Buenos Aires, a capital mundial também com pouca roupa. que e por uma quando tango, que oferece de dez a vinte Como podem viver assim, sabendotidade surpreendente bailes por dia, de segunda a sexta, nos se que o curso da vida leva à velhice de anúncios de fuga fins de semana passam de cem, há jo- e seus efeitos sobre o corpo, que vai de escravos referidos vens que saem para dançar todas as cobrar repouso, é algo que escapa tocomo bons dançarinoites. Eu disse todas. E que são jo- talmente ao meu entendimento. nos ou afeitos à prátivens, não aposentados. Parece-me que só vivem o presente. ca da dança. EstudanOra, quem dança todas as noites, Só pensam em tango e bailes. do jornais, também é avançando a madrugada, mais o tempo Não os invejo em nada. Apenas me possível vislumbrar de chegar em casa e se preparar para assombro. o funcionamento dos dormir, não terá condições de trabalhar _______________________ bailes em suas dinâno dia seguinte. Milton Saldanha é jornalista e micas, a forma como Recorri a um tangueiro argentino fundador do Jornal Dance (São Paulo) se dava a relação enpara me explicar o fenômeno: eles não tre dama e cavalheiro,

A turma da cuca fresca


12

ANO 11 - Nº 129 JUNHO / 2018

Circulando pelos eventos de apoiadores e patrocinadores

1

2

3

4

5

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

6

7

8

Iniciando com os registros da amiga Angela Abreu, representante do Jornal Falando de Dança nas zonas Norte e Oeste, (1) aniversário de 15 anos da dançarina Isadora, filha do Robson Crispim (Novos Tempos), dia 08/04, comemorado em casa de festas; (2) aniversário da dançarina Lúcia Almeida, dia 27/04, comemorado no Sargento de Cascadura; (3) aniversário da dançarina Elisabeth Martins, dia 29/04, comemorado no baile da Aspom; (4) aniversário da dançarina Zezé Sena, dia 29/04, comemorado na Aspom; (5) aniversário da dançarina Tania Souza, dia 06/05, comemorado na Aspom; (6) aniversário da dançarina Marilucia, comemorado dia 10/05, na Elandre; (7) Sandra e Lourdes foram as mães sorteadas no Baile das Mães, organizado dia 11/05, por Angela Abreu, na Aspom; (8) aniversário de Beto Guine, comemorado na Aspom dia 13/05;

1

2

4

3

5

Continuando com os registros da amiga Angela, (1) aniversariante Robertinho Madureira, com a promoter Pinta, no Baile da Amizade que esta realizou dia 19/05, na casa Elandre; e (2) aniversário das irmãs Letícia e Lorena Saddock, comemorado na Aspom dia 20/05. Na sequência, em foto de acervo, (3) professora Luciana Santos (ao centro de camisa escura) recebendo alunos e amigos no happy hour do seu espaço de dança, que agora está em novo dia e horário: terceira quinta-feira do mês, a partir das 15h, com petiscos e equipe de dançarinos. (4) Flávio Marques, ao lado da sócia Yasmini, recebendo Aragão, do Jornal Falando de Dança, em seu baile de aniversário, realizado dia 21/04, na Casa das Beiras. (5) No mesmo evento, Aragão com os amigos Juarez e Valéria, de Itaguaí.

1

2

3

4

5

(1) Registro do Baile de Tiradentes, dia 21/04, na Casa do Minho, no Cosme Velho, organizado por Valdeci de Souza e animado pela banda Estação Rio de Paulinho (ambos na foto com Aragão). (2) Em registro do site Dance a Dois, os aniversariantes Joni Silva, Cris Castilho e Jean Pierre recebendo Aragão no Baile dos Amigos, que organizaram no Clube do Rocha, dia 28/04. Na sequência, em registro de Leonor Costa, alguns amigos que Aragão encontrou neste animado evento: ( 3) promoter Luiz Batalha; (4) dançarino e promoter Michel Santos; (5) Leandro Andrade (site Dance a Dois).

1

4

2

3

Continuando com os registro de Leonor Costa, e ainda no Baile dos Amigos, de Joni, Cris e Jean, Aragão com (1) promoter EroSampaio (concurso Diva dos Bailes); (2) com Kátia, Denise e Angela; (3) com a turma de Niterói e São Gonçalo. Na sequência, registro de Adriana Gronow expondo os calçados de dança de sua grife, no Baile do Trabalhador, de Valdeci de Souza, dia 01/05, no Club Municipal.

1

5

6

2

3

7

8

4

9

10

Ainda registrando momentos do Baile do Trabalhador, dia 01/05, no Club Municipal. (1) Valdeci de Souza com o promoter Geraldo Lima (Geraldinho dos clubes). (2) Diretoria e associados da APDS/RJ (Associação dos Profissionais e Dançarinos de Salão do RJ), que firmou parceria para desconto no ingresso do evento. (3) Aragão com Vanessa Primo, Carlinhos de Jesus, Rachel Vieira e Carlos Bolacha. Na sequência, alguns dos hoemenageados, que receberam troféus das mãos de integrantes do grupo Os Mais da Gafieira, padrinhos do evento: (4) Caio Monate, Ana Paula Pereira, Jimmy de Oliveira; (5) Marcelo Grangeiro; (6) Pedro Queiroz; (7) Marcelo Chocolate; (8) Marcio Santos; (9) Liane De Luna; (10) Andreia Melo. Carlinhos de Jesus também foi homenageado e houve apresentações de cias de dança e de Liane De Luna.

Anuncie seu evento conosco. Próximo fechamento de edição: 15 de junho (edição de julho). Inf. (21) 2551-3334 / 99202-6073 (Claro) / 99122-8077 (zap)


ANO 11 - Nº 129 JUNHO / 2018

Circulando pelos eventos de apoiadores e patrocinadores

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

13

fotografia: Leonor Costa e Antonio Aragão, exceto quando mencionado em contrário

1

2

3

Este ano é especialmente importante para os agentes da Cultura do Estado e dos municípios do Rio de Janeiro, pois estão ocorrendo conferências de Cultura a nível municipal e estadual, além de eleições para a renovação dos representantes das linguagens culturais no Conselho Municipal de Política Cultural da cidade. Os fóruns e as conferências fazem parte do processo de composição do Sistema Estadual de Cultura, que irá gerir as verbas do Fundo Estadual de Cultura, daí a importância da participação da população, especialmente dos agentes da Cultura do RJ. Além disso, desse processo resultará a escolha dos delegados da Cultura que representarão o Estado do Rio de Janeiro na Conferência Nacional de Cultura que acontecerá no Distrito Federal, ano que vem. O Jornal Falando de Dança tem publicado em suas plataformas (versão impressa, online, perfil no Facebook e Blog Falando de Dança) várias matérias explicando o processo. E Leonor e Aragão, diretores do JFD, têm acompanhado várias dessas realizações. (1) Palestra de Denise Acquarone, sobre a organização política da dança e o sistema estadual da Cultura, dia 05/05, na Semana da Dança, realizada pelo Sindicato dos Profissionais da Dança do RJ, no Centro Coreográfico. (2) Aragão com mestre Dionísio, acompanhando a votação na Conferência Muncipal de Cultura do Rio, AP 1, realizada dia 08/05 no C. A. Calouste Gulbenkian (Praça Onze). (3) Registro dos organizadores, eleitores e delegados eleitos dia 08/05.

1

2

3

4

5

Dia 05/05 Fabiano Brasil e Parcifal organizaram um baile no Canto do Rio, em Niterói, para comemorar os aniversários de Vania Cortes e Bira Niterói. (1) Fabiano Brasil entrega aos aniversariantes um amarrado simbolizando os cerca de 200 quilos de alimentos não perecíveis arrecadados à entrada, para doação, a pedido dos aniversariantes. (2) A aniversariante Vania com Cristiano Praxedes, Aragão e Regina Alves. Na sequência, registro do Baile das Mães, organizado por Angela Abreu, dia 11/05, na Aspom, em Piedade. (3) A promoter curtindo a pista de dança com um amigo. (4 e 5) Aniversariantes comemorando suas datas no evento.

1

2

3

4

5

Registro do almoço dançante realizado toda terceira quarta-feira do mês na Casa dos Açores, Tijuca, por Nelson Veloso e Myriam Linhares. (1) Aragão com Myriam e Nelson, no evento do dia 16/05, quando foi comemorado o aniversário do Nelson. (2) Além de buffet completo com bebidas e sobremesas, e equipe de dançarinos, os organizadores oferecem sempre bolo para a comemoração dos aniversários do mês, com direito a lembrancinhas entregues aos aniversariantes. (3) Myriam e Nelson também realizam um bingo, com diversos prêmios. Na foto, uma das contempladas com uma cesta de café da manhã. (4) Nelson Veloso recebendo como presente de aniversário a nova camisa da equipe M & N, idealizada por Myriam Linhares, com o slogan “M&N realizando suas emoções”. (5) Nelson ao lado da sócia, agradecendo a presença dos assíduos frequentadores, que garantem a casa lotada e o sucesso do evento.

1

3

4

6

2

5

No Dia Internacional da Dança, domingo, dia 29/04, a Associação dos Profissionais e Dançarinos de Salão do RJ, APDS/RJ, realizou, no sexto andar do Club Municipal, na Tijuca, dia inteiro de oficinas de dança de diferentes linguagens, em homenagem à data. As atividades consistiram em colóquio dos professores com os participantes, sobre as danças que praticam e ensinam, seguindo-se dinâmica de grupo com desenvolvimento de coreografias básicas. (1) As organizadoras do evento com a primeira ministrante, Thayla Halibi, que coreografou a aula de dança do ventre. Da esquerda para a direita, Lucy Ribeiro (membro do conselho fiscal), Ana Romano (presidente da APDS/RJ), Ana Castro (diretora social), Thayla Halibi (dança do ventre) e Marlene Damasceno (assistente de conselheiro). (2) Ana Castro entrega certificado de participação à profª Safira Teixeira (dança cigana). (3) Ana Castro com Jardel Augusto Lemos, premiado coreógrafo de comissão de frente do Carnaval carioca, que desenvolveu uma coreografia de comissão de frente com os participantes. (4) Ana Romano e Ana Castro com percussionaista (esquerda) e o coreógrafo Luiz Carlos Monteiro, que ministrou a oficina de dança negra contemporrânea. (5) Ana Castro com Marcus Azevedo, que ministrou a oficina de dança charme. (6) Participantes da turma de mestre Dionísio, que ministrou a última oficina de bailado de mestre sala e porta-bandeira. A próxima atividde da APDS será dia 10/06, no Centro Coreográfico (v. divulgação na pág.16).


14

ANO 11 - Nº 129 JUNHO / 2018

SEGUNDAS Baile da Melhor Idade do Club Municipal Na Tijuca, todas as segundas, das 16 às 20h. Inf.: 2569-4822 Baile dos Namorados com orquestra Bianchini Dia 11/06, 16h, no Club Municipal (v. destaque de capa desta edição). TERÇAS Baile da Conceição da Bahia Na Tijuca, Inf.: 2288-2087 / 9-9679-3628. Tijuca Tênis Clube Inf. (21) 3294-9300. Terça dançante da Gaúcha Toda terça, 20h, na churrascaria Gaúcha. Inf. 2558-2558. V. anúncio nesta edição. Baile do Studio de Dança Flávio Marques No Centro do Rio, toda terça, 12h. Inf. 2223-0530 / 9.9745-2305. Baile de tango no Studio Marquinhos Copacabana Às terças, 19h. Inf. 981-795-710. QUARTAS Quarta dançante na Gaúcha Toda quarta, 20h, na Churrascaria Gaúcha. V. anúncio nesta edição. Inf. 2558-2558. Dançando na Quarta Na Tijuca, Casa dos Poveiros. Inf. 25784361 / 7830-3009. Quartas Democráticas Na Lapa, toda quarta, no Clube dos Democráticos, forró ao vivo. Inf. 2252-4611. Baile dos Amigos da Dança, na Taquara Toda quarta, Português de Jacarepaguá. Inf. 2423-3585. Quarta dançante no Mauá (SG) Baile beneficente mensal, com dançarinos, geralmente na primeira quarta-feira do mês, org. prof. Genilton. Inf. 973-538-170. Baile da Marlú Toda quarta, 19h, no Clube Tamoio, São Gonçalo. V. anúncio nesta edição. Inf. 996656-977. Almoço dançante Equipe M&N Toda terceira quarta-feira do mês, na Tijuca, almoço com tudo incluído e equipe de dançarinos, na Casa dos Açores. Org. Nelson Veloso (97007-4392) e Myriam Linhares (99962-0759). V. anúncio nesta edição. Almoço dançante na Cinelândia Toda última quarta-feira do mês, com Vera Regina e selecionada equipe de dançarinos. Ligar confirmando. Inf. 99112-5998. Baile de aniversário de Diogo Ribas Dia 06/06, 18h, no Mackenzie, Méier, com banda Alto Astral, dj WNegrão e equipe de dançarinos. V. anúncio nesta edição. Inf. 96581-5750. QUINTAS Tango Gala Em Copacabana, baile mensal de tango, na Academia Alvaro Reys. Inf. 2547-0861. Quinta dançante da Gaúcha Em Laranjeiras, toda quinta, na Churrascaria Gaúcha, com opção de dançarinos de ficha. Inf. 2558-2558. Baile do Talento Toda quinta, 16h30, na Mansão das Águas, em Jacarepaguá, com Bel e Equipe e dj Luiz Alves e convidados. Inf. 99972-1038. Bailinho do Clube do Rocha No CSSE, na segunda quinta-feira do mês, com equipe de dançarinos (sist. ficha). Inf. 3256-5833 / 9.6423-7917. Almoço dos Aposentados do Club Municipal Na Tijuca, 1ª quinta-feira do mês, 12h, música ao vivo com almoço. Inf. 2569-4822. Baile da Ac. Luciana Santos Novo dia: terceira quinta-feira do mês, 15h, com dançarinos. V. anúncio da academia publicado nesta edição. Inf. 9-9986-7749. SEXTAS Baile da C. D. Carlinhos de Jesus Em Botafogo. Inf. 2541-6186

Roteiro de eventos de patrocinadores e apoiadores

Baile da Cachanga do Malandro (Carlos Bolacha) Na Lapa. Inf. 3647-1006 / 97916-0141 (Tim) Baile da Ac. Cristiano Pereira Em Bonsucesso. Inf. 3868-4522. Casa dos Poveiros Na Tijuca. Inf. 2578-4361 / 7830-3009. Sexta Carioca na Gaúcha Em Laranjeiras, com dj Betinho tocando o melhor de todos os ritmos. Inf. 2558-2558. V. anúncio nesta edição. Milonga Xangô Na Lapa. Inf. 3970-2457. Espaço Dança Comigo No Estácio. Inf.2273-4346. Casa de Viseu Em Vila da Penha. Inf. tel.3391-6730. Sexta dançante no sobrado Em Pilares,Henrique Nascimento. Inf. 3899-7767 / 7706-0217. Pagode do Municipal Na Tijuca, geralmente às sextas. Inf. 25694822. Roda de samba no clube Humaitá Em Niterói, todas as sextas, 19h (inaugurando dia 01/06), com o grupo Tendência e convidados. V. programação do clube na página 2 desta edição. Seresta dançante no Canto do Rio, Niterói Todas as sextas. V. programação do clube na página 2. Inf. 2717-5023. Bailes da Angela Abreu Sexta, 19h, na Aspom: 20/07 (Baile do Amigo, banda Novos Tempos); 10/08 (Baile dos Pais, banda Alto Astral. Baile de aniversário da promoter: ver domingo, dia 02/12. V. anúncio nesta edição. Inf. 999731408. SÁBADO Baile do Núcleo de Dança Amantes da Arte No Méier, Inf. 2595-8053 / 9-8142-5371 (Cláudio Almeida). Bailes na Escola Jaime Arôxa Botafogo Todos os sábados: 1º sábado: Rastapé & Batucada; 2º sábado: Tum & Tum; 3º sábado: zouk; 4º sábado: Milonga Carioca. Inf. 2542-2040. V. anúncio nesta edição. Sábado Especial na Gaúcha Em Laranjeiras, com duas bandas, todo sábado, 20h, na Churrascaria Gaúcha. Inf. 2558-2558. V. anúncio nesta edição. Zouk Explosion na academia Lídio Freitas Baile mensal. Inf. 2565-6253. Baile da Melhor Idade, em Mesquita Todo segundo sábado do mês, no Espaço de Dança R & A, do prof. Reginaldo. Inf. 9-7650-2746 / 9-8809-3888. Bailes do Clube das CelebrIdades Inf. 2257-3898 / 99777-1338 / 985677874. Bailes no Clube Humaitá, Niterói V. anúncio com a programação do clube, na pág. 2. Inf. 98787-0068. Baile de flash back no Club Municipal Geralmente no último sábado do mês, ligar para confirmar. Inf. 3528-8966. Almoço dançante no Império Serrano Dia 02/06, 13h, com as bandas Alto Astral e Rio Balanço. Inf. 99628-1215 (profª Martinha). Ping-pong na Portela Dia 16/06, 16h, com as bandas Novos Tempos e Alto Astral, comemorando o aniversário de Valdeci de Souza. Inf. 98179-5710. V. anúncio nesta edição. Baile do Verde e Amarelo Dia 23/06, 18h, na Casa Elandre, Madureira, com banda Milênio e dj Gerson. Org. Paulinho da Fusão e Catarina Baraúna. V. anúncio no destaque de capa desta edição. Inf. 99594-0952. Sábado Vou Sabadá Dia 07/07, 19h30, no Castelo da Pavuna, baile com banda Milênio, entrada e mesa grátis e dançarinos de ficha. V. anúncio nesta edição. Almoço dançante na Praça Seca Dia 15/09, 13h, com show do cantor Aldo, no Centro Cultural Profª Dyla Sylvia de Sá, org. Elzany, inf. 99643-9659 (v. anúncio nesta edição).

Baile e concurso Diva dos Bailes Dia 24/11, 17h, na Casa da Vila da Feira, Tijuca, com banda Milênio e dj W. Negrão. Org. EroSampaio, t. 97238-0497. Inscrições abertas para o concurso. DOMINGOS Domingueira do Canto do Rio Centro de Niterói, todo domingo, 19h, com banda ao vivo. Inf. 2717-5023. V. programação das bandas no anúncio da pág. 2. Domingueira Democrática Na Lapa, todo domingo, 20h, com banda ao vivo. Inf. 2252-4611. V. anúncio nesta edição. Domingueiras do Club Municipal Na Tijuca, das 13 às 19h. V. anúncio nesta edição. Inf.: 2569-4822. Domingueiras Casa da Vila da Feira Na Tijuca, 13h, almoço social quinzenal com música ao vivo. Inf. tel. 2293-1542. Domingo Legal no clube Humaitá, Niterói Seresta baile todo domingo, 18h, com o tecladista Edimar. Apresentação de Teresinha Lima. V. a programação do clube publicada na pág. 2 desta edição. Inf. 99676-0892. Domingueiras AABB-TIJUCA Segundo e quarto domingo do mês, 12h, com grupo Som e Vozes, v. anúncio nesta edição. Inf. 964-343-243. Domingueira da Aspom Em Piedade, todo domingo, 18h: Os Devaneios (1º domingo); Alto Astral (2º e 5º domingo); Novos Tempos (3º domingo) e Estação Rio (4º domingo). Inf. 2596-3974. Domingo dançante na Gaúcha Em Laranjeiras, todo domingo, 20h, na Churrascaria Gaúcha, dj tocando todos os ritmos. Inf. 2558-2558. V. anúncio nesta edição. Domingueira Jaime Arôxa Tijuca Inf. 7856-5288 / 2565-6253. Gafieira Elite No Centro do Rio, Domingueira da Paulinha, todo 1º e 3º domingo do mês, com dj Paulinha Leal. Inf. 2232-3217. Baile de tango na Ac Jimmy de Oliveira No Catete, 3º domingo, org. Márcio Carreiro. Inf. 2264-6044. Ligue para confirmar. Domingueira na Ac Jimmy de Oliveira Inf. 2285-6920 / 9-9476-8130. Ligue para confirmar. Baile no Horto do Fonseca Baile mensal gratuito, das 11 às 14h, no Horto do Fonseca, em Niterói. Realização: Amazonas Dance. V. anúncio na pág. 16. Quarteto Fantástico, o Baile Dia 05/08, 15h, no União F. C., Mesquita, com banda Estação Rio e djs Nenen by Night e David Rodrigues. Inf. 97463-5720. Almoço dançante na Praça Seca Dia 11/11, 13h, com show de Axé Retrô, no Centro Cultural Profª Dyla Sylvia de Sá, org. Elzany, inf. 99643-9659 (v. anúncio nesta edição). Baile de aniversário da amiga Angela Dia 02/12, 19h, na Aspom, com banda Novos Tempos. V. anúncio nesta edição. Org. Angela Abreu, tel. 99973-1408. AVISOS, SHOWS, PASSEIOS, MOSTRAS, FESTIVAIS, COMPETIÇÕES, TEATRO, WORKSHOPS, CURSOS e outros: Stand Up e Interação com Fifi Faladeira Personagem do ator Khaio Roger para animar bailes e festas. Inf. 997-591-272. V. anúncio nesta edição. Viagens nacionais e internacionais com Brazilian Weeks Transporte e Turismo Saídas para Buenos Aires, Nova Iorque, Portugal e passeios nacionais como Passa Quatro, São Lourenço e Conservatória. Solicite a programação completa. V. anúncio nesta edição. Inf. 99964-1322 (Lilian). 3ª Conferência Municipal de Cultura da cidade do Rio de Janeiro Dias 4 e 5/06, no Imperator, Méier. Acompanhe eventual atualização de datas pelo perfil da SMC no Facebook. 4ª Conferência Estadual de Cultura do RJ Dias 8 e 9/06, no Teatro João Caetano (consulte o site do Conselho Estadual de Política Cultural - CEPC RJ).

Final de semana na Pousada A Marca do Faraó, Cachoeiras de Macacu Toda a infraestrutura da pousada, bailinhos com dançarinos e festa junina. V. anúncio nesta edição. Inf. 99399-6284. Show do cantor Aldo em São Paulo Dia 01/07, 14h30, no Mie Kaikan, em Vila Mariana, São Paulo, SP, v. anúncio nesta edição. Inf. 99643-9659 (Elzany). 1ª Festa Queijos e Vinhos em Miguel Pereira, da C. D. Sérgio Castro Dias 25 e 26/08, na sede campestre do clube ASA-Rio. V. anúncio nesta edição. Inf. 98626-5044 / 3390-9650. Festa da criança na Praça Seca Dia 14/10, 13h, com projeto Divertilândia I, no Centro Cultural Profª Dyla Sylvia de Sá, org. Elzany, inf. 99643-9659 (v. anúncio nesta edição). 2ª Festa Tropical em Angra dos Reis, da C. D. Sérgio Castro Dias 27 e 28/10, na sede náutica do Club Municipal. V. anúncio nesta edição. Inf. 98626-5044 / 3390-9650. Bolero in Foco a bordo De 24 a 27/02/18, grupo fechado com os organizadores e professores do Bolero in Foco, em cruzeiro marítimo Rio/Ilha Grande/Ilha Bela. Vendas com SemearTur. Inf. 98284-7170. 16º cruzeiro temático da Costa Cruzeiros Dançando a Bordo edição 2019, com embarque dia 10/03/2019. Vendas pela Semeatur, com parcelamento. Inf. (21) 982847170 (Edson Santos). Atividades sócio-educativas e culturais da APDS/RJ para 2018 (Domingo, 10/06) Diálogos e Movimentos | Syllabys do Samba | Coord. Rodriguinho Barcelos | 10h no CCo; (Domingo, 22/07) Comemoração do Dia do Dançarino, em baile no Horto do Fonseca, 11h (banda Alto Astral, grátis, prod. Amazonas Dance) e na domingueira da Aspom (19h, c/ desconto para associados adimplentes); (Domingo, 29/07) Diálogos e Movimentos | História da Dança de Salão | Coord. Leonor Costa e Gustavo Loivos | 10h no CCo; (23/09) Comemoração da promulgação da Lei Molon (dança de salão patrimônio cultural imaterial do RJ), na domingueira da Aspom; (18/11) Cerimônia de abertura da Semana da Dança de Salão, em baile no Club Municipal; (24/11) Interdanças no Forte, mostra coreográfica da APDS | 18h no Auditório Santa Bárbara, MHEx/Forte de Copacabana; (25/12) Baile de Encerramento da Semana da Dança de Salão | Realização: Gustavo Loivos | Horto do Fonseca, 11h, com banda Alto Astral; (09/12) Eleições da diretoria APDS biênio 2019-2020 | 10h no Club Municipal; (09/12) | Confraternização de fim de ano, em baile no Club Municipal | 13h; EVENTOS EM OUTRAS CIDADES E ESTADOS (consulte também a programação das bandas e djs) NITERÓI / SÃO GONÇALO / ALCÂNTARA Ver programação por dia da semana. MARICÁ / RJ Bailes Moreira Studio de Dança. Inf. 98744-6884. Ligue para confirmar. ITABORAÍ / RJ Noites dançantes com música ao vivo no Esporte Clube Comercial de Itaboraí, todas as quintas, 19h30. Inf. 2635-2333. Ligue para confirmar. RIO DAS OSTRAS / RJ Bailes do grupo Renascer, na rua Renascer da Terceira Idade, Jd. Campomar. Inf. (22) 2764-6700. NOVA IGUAÇU Toda sexta, baile na casa de shows RioSampa. Inf.2667-4662 DUQUE DE CAXIAS Bailes da academia de dança ESCADAS. Inf. 9-9968-7622 (João Batista). PROGRAMAÇÃO DAS BANDAS E DJ’S PATROCINADORES/APOIADORES: Banda Alto Astral Inf. (21) 3762-2669 /

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

9-6458-7280. V. anúncio nesta edição. Já agendado para junho: (02) Quadro da Império Serrano + Poveiros; (03) Democráticos; (06) Mackenzie; (09) Casa de Espanha; (10) Aspom; (13) Rio Scenarium; (14) Elandre; (15) Sesc Ramos; (16) Quadra da Portela + Rio Scenarium; (17) Canto do Rio; (18) e (19) a confirmar; (20) Sesc Madureira; (23) Espaço Marcelino; (27) Rio Scenarium; (29) Poveiros + Rio Scenarium; (30) Espaço 401; (01/07) Democráticos. Acompanhe a atualização da agenda pelo facebook. Banda Estação Rio Inf. (21) 2143-8891 / 97447-2795 / 9.6434-2581 / 9.6411-0121. V. anúncio nesta edição. Já agendado para junho: (08) Shopping Grande Rio; (10) Grêmio dos Aposentados Sindimetal Rio (S. Critóvão); (13) Irajá A. C.; (14) Nova Iguaçu Country Clube; (24) Aspom. Conjunto Aeroporto Inf. 2280-2356 / 9-9994-5580, Sr. José. Banda Brasil 10 Inf. (21) 2570-0336 / 99445-5131 (Fabiano Brasil). Banda Brasil Show Inf.: (21) 2691-7294 / 9-9667-1814. Banda Caribe Inf. (21) 2508-1315 (Antonio Carlos). Banda Cassino Brasil Inf. 2427-0861/7819-3214 Banda Copa 7 Inf.970-282-293 Banda Holiday Inf. (21) 3371-4239 / 9-9664-1080 (Paulo) Banda Lua Nova Rio Inf. (21) 9-8666-1864 / 9-7649-9548 / 986.589.867 (Daniel). Banda Milênio Inf. Larissa Pimenta: 9.6990-9789 e 9.7646-4857. Banda Novos Tempos Inf. (21) 3624-9446 / 9-9727-2195 / 9-8276-3300 (Robson). Conjunto Os Devaneios Inf. (21) 9-93654362 (Jorge) / 2762-0069 (Luiz) Banda Paratodos Inf. Toninho Moreira, tels. (21) 3477-4308 / 964-779-022. Banda Pérolas Inf. (21) 3178-3369 / 9-9956-7278 (Aldair). Banda Phenix Inf. (21) 9-9390-3475 / 2482-4911 / 7731-2474 (Ruan Carlos) Banda Resumo Inf. (21) 2462-5080 / 98289-9287 / 9-7363-9927 (Emerson Ribeiro). Banda Rio Balanço Inf. (21) 3072-2500 / 99464-0953 (Washington) Banda Rio Postal. Inf. (21) 3018-3087 / 97022-6025 (Cosme); 97026-9367 (Rogério). Banda Shock Casual Inf (21) 3406-9367 / 9-8611-3154 Banda Sol & Mar Inf. (21) 2225-6925 / 98769-9980 (Fernando). Grupo Som e Vozes Inf. (21) 2757-2564 / 9.6434-3243. Banda Status Rio Inf. Zeca Teixeira 3793-4415 / 981309552; 7837-2144 (Janete); (21) 3762-6535 (Ilsa). Grupo Trinidance Inf: (21) 9-9854-9827. W. P. Show Inf: (21) 2596-4786 / 97122-5528 (Sidnei). CONTATOS DOS DJs DJ Cícero Souza Inf. (21) 98836-4492 DJ Evando Santos Inf. (21) 98812-3188 DJ Fabiano Silva Inf. (21) 7723-0745 DJ Fábio Marques Inf. (21) 9.9304-6717. Dj Guisner Inf. (21) 2260-1332 / 9-9732-3594. DVJ Luiz Carlos Alves Inf. (21) 97000-1034 Dj Pedrada Inf. (21) 9-9775-2102 DJ Renato Ritmus Inf. (21) 9-9692-1752. DJ Renatinho Inf. (21) 9-9682-6671 / 99236-6513. DJ Tom Silva Inf. (21) 98390-9550 DJ Viviane Chan Inf. tel (21) 9-94629322. DJ W Negrão Inf. tel (21) 9-9022-7905. LIGUE PARA CONFIRMAR Programação sujeita a alterações. Ligue antes!


Banda

ALTO ASTRAL Denise Abrantes

(21) 3762-2669 | 9.6458-7280

Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Secretaria Municipal de Cultura apresentam

DIÁLOGOS E MOVIMENTOS

De março a julho/2018, cinco eixos temáticos, com ênfase na dança de salão, um a cada encontro mensal, completando um ciclo básico de estudos teóricos e de movimentos, com palestra, debate e prática. Informações e pré inscrição: apdsdorj@gmail.com

Diálogos e movimentos

Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro | R. José Higino 115 | Tijuca Classificação

Produção

Divulgação

Apoio

Promoção

para dançarinos esclarecidos

DANÇA DN E ÇS AA LDÃE OS A L Ã O DA

Av. Presidente Vargas, 583 Salas 2206/2207 CEP: 20071-003 Centro | Rio de Janeiro tel. (21) 2224-5913 2531-7541 9 8478-1944

50% de desconto nos anúncios no Jornal Falando de Dança Para associados APDS - Andanças - SPDRJ adimplentes

TEMOS TAMBÉM PACOTE ANÚNCIO JORNAL + PANFLETOS INFORME-SE!

$& ¸$! &z”

S

ANJO R R &

CIA

CONHEÇA A LINHA COMPLETA NO SITE

TAMBÉM À VENDA NAS LOJAS CAPÉZIO DE TODO O BRASIL

PRONTA ENTREGA PELO SITE www.arranjosecia.com/loja

Elaboramos peças exclusivas, consulte-nos: (11) 2331-6633 / 9.9529-0273

Informe-se: (21) 9.9202-6073

JMCOM

www.capezio.com.br

contato@spdrj.com.br

A

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 15 - ed. 129 - JUNHO / 2018 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334

Investimento por cada módulo: R$ 40 (inteira) R$ 20 (meia)

%FVTÏåFM


Proyecto Conexión Sin Fronteras

Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Secretaria Municipal de Cultura apresentam

apresenta

PROGRAMAÇÃO no

Centro Cultural Municipal Profª Dyla Sylvia de Sá Rua Barão 1180 - Praça Seca - Jacarepaguá - das 13 às 18h

PROJETO DIÁLOGOS E MOVIMENTOS SYLLABUS DO SAMBA DOMINGO | 10 JUNHO | 10H

Palestra | debate | estudos de movimentos | prática

Em dezembro! Almoço dançante com ceia de Natal | Show do Aldo Apoio: cantor Aldo

Informações e reservas:

Organização:

99643-9659 (Elzany)

Prof. Rodriguinho Barcelos e convidados

Algumas abordagens: o que é syllabus; para que serve; em que a adoção de syllabus facilita o ensino de dança; syllabus do samba nível básico; syllabus nível intermediário; syllabus do samba funkeado e do tradicional; estudo e prática de sequência de movimentos básicos de samba

Apoio:

Ajude o planeta: use transporte público

Investimento: R$ 40 inteira R$ 20 meia*

a saúde! u s a n ta s i Inv e como Pergunte-m

EVS PARCIFAL

Rodriguinho Barcelos é educador físico, profissional da dança sindicalizado, diretor de escola de dança e diretor comercial da APDS

Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro R. José Higino 115 - Sala de Conferência - Tijuca - Rio de Janeiro - RJ Entrada ao lado do supermercado Extra - Metrô Uruguai, saída José Higino Pré inscrições abertas pelo email apdsdorj@gmail.com

*Meia entrada: estudantes, professores, idosos, bem como concedida a todos portadores de necessidades especiais, beneficiários do Programa Bolsa-Cultura e Bônus-Cultura, servidores públicos municipais e aos moradores da Cidade do Rio de Janeiro, munidos com as devidas comprovações documentais. Serão considerados documentos comprobatórios para direito à meia-entrada aos moradores da Cidade do Rio de Janeiro comprovante de residência, com no máximo 03 (três) meses de emissão (contas de: água, luz, telefone fixo e gás natural) acompanhando de documento oficial de identificação com foto (RG, carteira de habilitação, carteira de trabalho, etc). Classificação

Produção

Divulgação

Apoio

R. Feliciano Sodré, 149 s/101 - S. Gonçalo - RJ

tel. (21) 2607-7777 / 964-377-505

BAILE no Horto

Tenha uma renda extra fazendo o que você já faz, compras em um supermercado!!!

DO FONSECA NITERÓI

upo seu gr você, a n ú e té R mos a e que varesentar est ap gócio! ne

DOMINGO

24/06

11h às 14h

O EDIÇÃ

SOLTE A FERA QUE HÁ EM VOCÊ!!

VENHA DANÇAR QUADRILHA!

Realização:

Veja o vídeo no

Apoio Cultural:

CONHEÇA NOSSAS TURMAS DE TANGO Q U I N TA S - 2 0 H 3 0 ZOUK E SALSA TERÇAS - 20H

APRESENTAÇÃO DE NEGÓCIOS SCI | OFICIAL 2018 (versão 4.0) (27:09 min) com Gustavo Loivos

Escolha sua estampa Conheça nossa coleção de calçados, com diversos modelos e cores.

TEMOS MOTOBOY

CONSULTE-NOS SOBRE O FRETE

DESCONTOS DE ATÉ 20% NA LINHA BOUTIQUE PARA ASSOCIADOS APDS / SPDRJ

AMAZONAS DANCE: DANÇAS DE SALÃO | AULAS | COREOGRAFIAS | CONTRATOS PARA BAILES Inf.2613-3276 / 99233-2514 / 99307-2736 RUA VISCONDE DE ITABORAÍ 365 - CENTRO DE NITERÓI - RJ (ESQ. C/ R. MARECHAL. DEODORO) site: www.amazonasdance.wix.com/escoladedanca

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 16 - ed. 129 - JUNHO / 2018 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334

Sáb | 15 SET | almoço dançante | Show do Aldo “Minhas Raízes Dom | 14 OUT | festa das crianças | “Divertilândia I” Dom | 11 NOV | almoço dançante | Stella Maris | Axé retrô

Jfd 129  

Jornal Falando de Dança, edição 129, junho/2018

Jfd 129  

Jornal Falando de Dança, edição 129, junho/2018

Advertisement