Page 1

Edição nº 112 - Ano X

JAN/2017

Fundado em 12 de outubro de 2007 - www.jornalfalandodedanca.com.br

CLUBE DOS SUBTENENTES E SARGENTOS DO EXÉRCITO

R. HENRIQUE DIAS, 95 - ROCHA Adm.: Pres. Bittencourt / Vice: Saldanha

Sáb | dia 15 de abril | 19h

Grande baile de dança de salão banda

Edição 112 JAN / 2017

00112

ISSN 2237-468X

9 772237 468007

Dança Falando de

Alto Astral e DJ W NEGRÃO nos intervalos

 ESTACIONAMENTO  AR REFRIGERADO  DANÇARINOS (FICHA, OPCIONAL)  INGR. ANTECIPADO R$ 20,00  ANIVERSARIANTE DO MÊS NÃO PAGA INGRESSO

Destaque de capa

Álvaro Reys lança curso sobre sua metodologia de ensino

Comemorando o niver da profª Cris Castilho

apoio cultural:

Inf. / reservas:

3256-5833 / 9.6423-7917 No século 19, as damas reclamavam da imundice dos salões de baile, que sujava as caudas de seus vestidos

J.SANTANA

Dr

E OUTROS ADVOGADOS

Neste mês, nossa última sociedade dançante, o Clube dos Democráticos, comemora 150 anos de fundação. Saiba a importância das sociedades dançantes como meio de afirmação social e política (artigo de Leonardo Pereira) e sobre a higiene nos salões (artigo de Maristela Zamoner) Rafael Barros e Carine Morais faturam 8º troféu em campeonato internacional de salsa

O ator Felipe Simas e a dançarina Carol Agnelo conquistam o troféu na Dança dos Famosos

Leia mais nesta edição: >>> Ana Romano e Gustavo Loivos (foto ao lado) são eleitos, respectivamente, presidente e vice-presidente da Associação dos Profissionais e Dançarinos de Salão do RJ (APDS/RJ) em pleito realizado dia 04/12 >>> Milton Saldanha comenta sobre a Dança dos Famosos e competições de dança em geral >>> Maria Augusta conta-nos mais uma aventura do dançarino Rato >>> Nilcemar Nogueira (foto acima, à direita), presidente do Museu do Samba, é nomeada titular da SMC-Rio

ESTRADA RIO DA PEDRA 1894 (PRÓX. CAMPO DO TIGRES) - XERÉM


Administração Roberto Maurício Miranda

C O M E M O R E S E U A N I V E R S Á R I O C O N O S C O!

arte:Jornal Falando de Dança

DOM | 19H | SALÃO NOBRE

08/01 - COPA 7 15/01 - RIO POSTAL 22/01 - AEROPORTO 29/01 - OS DEVANEIOS

ÁREA DA PISCINA

CONJ. OS DEVANEIOS

Sexta e sábado até 22h Domingo até 19h

ASSOCIADOS: ENTRADA FRANCA

PREMIAÇÃO PARA MAIOR GRUPO FANTASIADO E PARA FANTASIA MAIS CRIATIVA (INDIVIDUAL E GRUPO) DISTRIBUIÇÃO DE BRINDES BOLO | SORTEIOS Inf. 2704-6915 9.9733-4111

das 9h às 18h

Atenção! Antecipado até dia 15/01/17 mesa com 4 convites = R$ 80,00 Após 15/01/17 = R$ 100,00

VÂNIA CORTES

Lançamento Concurso virtual de fantasias do Jornal Falando de Dança - edição 2015

DOMINGUEIRAS DA ASPOM 1º DOM 2º DOM 3º DOM 4º DOM Conjunto

Banda

Banda

Banda

5º DOM Banda

ALTO OS NOVOS ESTAÇÃO ALTO ASTRAL DEVANEIOS ASTRAL TEMPOS RIO Das 18 às 22h

Apoio: Diretores das bandas Amiga Angela Abreu Jornal Falando de Dança Karla Falcão

DANÇARINOS DE FICHA (OPCIONAL)

ASPOM

Presidente Levi Meireles

Até aqui o Senhor me ajudou

R. D. Hélder Câmara 8484 - Piedade - Inf.: 2596-3974

ASPOM E AMIGA ANGELA CONVIDAM

12/05/17 21/07/17 11/08/17 02/12/17 SEXTA

Baile das Mães ALTO ASTRAL

SEXTA

Baile do Amigo NOVOS TEMPOS

SEXTA

Baile dos Pais ALTO ASTRAL

Ingr. antecipado com desconto Traje esporte fino Realização: Início 19h30 apoio:

ASPOM

Presidente Levi Meireles

Ônibus saindo de vários bairros do Rio, Baixada e Niterói às 6h da manhã, Império Serrano às 7h

Entrada liberada de alimentos

Levar grelha p/ churrasco

JORNAL FALANDO DE DANÇA ROTARY CLUBE SG-PARAÍSO CASSINO DA DANÇA BIRA NITERÓI | HERBALIFE CRISTIANO PRAXEDES

REALIZAÇÃO:

AMIGA ANGELA

2717-7450 99256-7920

AGRADECIMENTOS:

Alugamos nossos salões p/eventos em geral (com ou sem a inclusão do bar) Inf. 98787-0068 (Oi) / 99256-7920 (Vivo)

DOM

APOIO:

OAB/RJ 3959 Av. Amaral Peixoto 467 s/1212 - Centro - Niterói

09 ABR 44ª Excursão & Pic Nic Show

BANDA ALTO ASTRAL E BIG SHOW

Dr Paulo Dercy

Rua da Cascata 624 - Guapimirim - RJ - t. 2632-2807 / 3391-6730

E OS ANIVERSÁRIOS DO MÊS DE JANEIRO

4h + 1h= 5 horas de baile!

ADVOCACIA EM GERAL

SEDE CAMPESTRE DA CASA DE VISEU

- 2717-5023 (Secretaria)

Sáb

Equipe de dançarinos (preço promocional) Apoio: Shirley Mesa c/4 ingressos: R$ 100,00 Ingr. individual: R$ 25,00 Traje esporte fino

Tempo permitindo, música ao vivo

TRAJE ESPORTE FINO Aos domingos, das 13 às 18h (CALÇA SOCIAL E SAPATO*) * permitido sapatênis | Faixa etária: 18 anos Até dia 04/03, banho noturno!

28

TER 10 JAN 20H Baile de 84 anos do Clube

SÁBADO

Niver Amiga Angela

NOVOS TEMPOS

inf. e reservas: 3017-0953 9-9973-1408 9-7679-4093

R. D. Hélder Câmara 8484 - Piedade - Inf.: 2596-3974

ATENÇÃO! Bebidas não entram

O MAIS TRADICIONAL DO RIO - EDIÇÃO 2017

BAILAÇO C/AS BANDAS

ALTO ASTRAL OS DEVANEIOS &

D J J A M I L S O N TOCANDO TODOS OS RITMOS

HIP HOP - FORRÓ - SAMBA E MUITO MAIS! TUDO ISSO EM 2 AMBIENTES

Lazer total: parque aquático, churrasqueiras, cachoeiras, ginásio, jogos, campo de futebol, dois ambientes para bailes, opção de almoço

Realiz.Gr. Excursões e Eventos: Pinta (99020-2201); Luiz (97029-3103 / 98769-7387 / 99573-8191) Cleve (3477-5822 / 96494-5600 / 98529-8464); Robertinho (97521-5184 / 99537-7258 / 2597-0959)

Helênico Atlético Clube R. Itapiru 1305 - Rio Comprido - Rio de Janeiro - RJ tel. 2502-1694 / 2164-7329 - email: helenicoeventos@gmail.com Adm.: Gilka Campos e Miguel Estima Diretor Social: Nivaldo Miranda

apoio:

Sábado: almoço a partir das 13h com música ambiente

SÁB | 16H | BANDA:

07/01 - ALTO ASTRAL 14/01 - RIO POSTAL 21/01 - NOVOS TEMPOS 28/01 - PARATODOS

28 JANEIRO

GRANDE BAILE

POSSE da nova DIRETORIA BANDA

PARATODOS

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 02 - ed. 112 - JANEIRO / 2017 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334

- 2717-5023 (Secretaria)

HUMAITÁ ATLÉTICO CLUBE RUA GUIMARÃES JUNIOR 20 - BARRETO - NITERÓI - t. 9-8787-0068


www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

ANO 10 - Nº 112 JANEIRO / 2017

Mensagem ao leitor Nesta primeira edição do ano, no qual completaremos, em outubro, dez anos de publicação, apresentamos de tudo um pouco, de maneira que o leitor amante da dança, especialmente a de salão, possa ter em mãos uma Leonor Costa fonte de consulta, informação, entretenimento e roteiro de eventos. Neste último quesito, contamos com os anúncios em destaque de nossos mantenedores, que viabilizam a versão impressa do Jornal Falando de Dança. E, ainda, com um roteiro por dia da semana, aqui incluindo não só os mantenedores, mas também aqueles que de alguma forma contribuem para a distribuição do jornal. Na parte de entretenimento, trazemos mais um conto de Maria Augusta, sobre o dançarino Rato, e a coluna de Milton Saldanha, com gancho no recém-encerrado quadro Danca dos Famosos, um campeão de audiência que anualmente projeta a dança de par em cadeia nacional. Contribuindo para o registro da historicidade da dança de salão, publicamos o penúltimo capítulo do artigo

de Leonardo Pereira, sobre sociedades dançantes, e dois artigos de Maristela Zamoner, sobre a higiene nos salões de baile do século 19 e o problema da falta de saneamento no Brasil Império. Para os profissionais da dança e interessados em política, selecionamos alguns destaques de interesse do segmento, ressaltando a nomeação de Nilcemar Nogueira para chefiar a Secretaria Municipal de Cultura, ela que recentemente ficou mais próxima do segmento da dança de salão, ao ministrar palestra para os associados da APDS, em maio do ano passado. No Fique Por Dentro, o destaque vai para o casal Carine Morais e Rafael Barros, que levaram a bandeira do Brasil ao pódio em mais uma conquista em campeonato internacional de salsa. Na seção Circulando, a “coluna social” da dança de salão, dois acontecimentos ficaram com maior destaque: as eleições para a nova diretoria da APDS e o baile dos 88 anos da gafieira Estudantina, destaque de capa da edição passada. Boa leitura a todos. _____________ Leonor Costa, editora

3

NESTA EDIÇÃO 8 Mensagem ao leitor (pág. 3) 8 Expediente (pág.3) 8 Destaque de capa :: Álvaro Reys (pág.3) 8 Leonardo Pereira :: Os Anjos da Meia Noite, parte 5 (pág. 4) 8 Maristela Zamoner :: Higiene nos salões e saneamento no Brasil Império (pág. 5) 8 Maria Augusta :: Rato ou Zebedeu? (pág. 6) 8 Milton Saldanha :: Concurso de Dança é ótimo, mas nem sempre justo (pág. 6) 8 Club Municipal (pág. 9) 8 Roteiro de bailes e eventos dos patrocinadores e apoiadores (p.10) 8 Política Cultural (pág.11) 8 Fique por Dentro (pág.11) | SEC | SMC | Estúdio Carioca | APDS | Vale Cultura | Doações pela Lei Rouanet 8 Circulando (pág. 12 a 14) | Rafael e Carine | Dança dos Famosos | Clube dos Democráticos | Helênico | Estudantina | Falecimento (Sara Grifo) fotos capa e matéria: Maurício Maia

Destaque de capa

Álvaro Reys lança curso de metodologia para o ensino de danças de salão

No palco: Álvaro Reys atuando no espetáculo da Orquestra Brasileira de Sapateado

Em entrevista ao JFD, vencedor da edição 2008 da Dança dos Famosos faz um balanço de 2016 e nos conta seus planos para 2017, dentre os quais, seu curso de metodologia de ensino Para os fãs do professor e coreógrafo Álvaro Reys, a capa de janeiro do Jornal Falando de Dança é aguardada com expectativa. Já há alguns anos, Álvaro escolhe o JFD, que é atualmente o único jornal regular de dança, para falar sobre o ano recém-encerrado e divulgar seus planos principais para o ano que se inicia. “Tenho, primeiramente, que agradecer aos alunos da academia Álvaro Reys pelo ano maravilhoso que se encerrou, com muitas conquistas na dança. Em especial, quero registrar a dedicação e os esforços dos alunos do projeto social Alvinhos Dance, dirigido por mim e pela profª Rachel Mesquita: vocês nos enchem de orgulho”. Listando suas atividades em 2016, Álvaro destacou seu primeiro workshop Copacadança, realizado em julho, na sua academia, e os workshops de terceiros, onde ministrou aulas, como o Baixada In Dança, o Oficina Global, Samba Maníacos e o Gafieira Brasil (para cuja edição 2017 já foi convidado). “Também quero aqui agradecer aos promoters e diretores de academias que me contrataram para dar aulas em Macapá, Uberlândia, Barbacena, Belém, Macacu, Campinas e Lyon – espero não ter esquecido de nenhuma cidade”, brinca Alvaro, que se empolga ao recordar uma participação especialmente marcante em 2016: “foi eu ter participado das comemorações dos 25 anos da Orquestra Brasileira de Sapateado, da qual faço parte. Fizemos

shows em setembro, outubro e novembro. Agora em janeiro nos apresentaremos dia 24, no Fashion Mall, em São Conrado, às 21h. O espetáculo trabalha sobre obras de Tim Rescala e tem direção de Stella Antunes e Amália Machado. Fica aqui o convite para os leitores do jornal irem conferir”. Falando em shows, Álvaro informa que em 2017 a academia Álvaro Reys trará novidades, com Sérgio Rosa assumindo a direção de eventos da casa. Já em fase de pré-produção, Álvaro destaca seu novo espetáculo de dança (“audição dia 7 de janeiro, às 16h, para ambos os sexos, com no mínimo dois anos de dança de salão e noções de jazz”) e o lançamento de seu curso de metodologia para ensino de danças de salão. “O Curso Roda Viva Metodologia Álvaro Reys terá sua primeira turma formada ainda este mês de janeiro, com aulas de 9 a 13 de janeiro”, esclarece. Perguntado sobre o que o levou a idealizar este curso, Álvaro explica: “Cada professor tem o seu estilo próprio de dançar, de trabalhar, de dar aulas. Quero com este curso divulgar a metodologia de ensino que desenvolvi em décadas como professor e coreógrafo. Não se trata de querer ensinar do zero, nem de querer abolir o jeito de ensinar de cada um. Mas acredito que a pessoa que quer crescer profissionalmente deve buscar conhecimento em diversas fontes, principalmente com os mais antigos. Além disso, o mundo muda, em velo-

cidade cada vez maior, e na dança de salão não é diferente, é essencial que o profissional (ou aquele que quer se profissionalizar) esteja antenado com as novas tendências. Respeitando os saberes de cada um, este curso se propõe a apresentar novas ferramentas metodológicas para contribuir com o desenvolvimento dos alunos. Ao final, os cursistas terão um novo potencial didático para a realização de seus trabalhos, com a assimilação de novas técnicas que complementarão sua visão profissional sobre o ensino de dançar a dois. É um curso rápido, até porque sei que quem dá aulas não dispõe de muito tempo para se reciclar”. Serviços: Academia Alvaro’s Dance ( R. Barata Ribeiro 271, sobrado, Copacabana, Rio de Janeiro, RJ, tel. 2547-0861) >>>Danças de salão, adulto e infantil, todos os níveis || Bailes e aluguel de espaço para eventos || Curso Roda Viva Metodologia Álvaro Reys > primeira turma: de 9 a 13/01/2017 > Informações e inscrições pelo tel. 98111-3284 > Cronograma das aulas: 1ª aula: apresentação do método, uma maneira clara e dinâmica para ministrar aulas para turmas iniciantes, intermediárias ou avançadas. 2ª aula: revisão da aula anterior, novas pos-

sibilidades de ensino; prática (cada aluno experimentará comandar a “roda viva”). 3ª aula: composição de passos em sequências de três em três figuras; treinamento de aula cantada. 4ª aula: o grupo escolhe uma música e a coreografa para o baile de sexta-feira; prática da “roda viva”. 5ª e última aula: treinamento da “roda viva”; ensaio da coreografia desenvolvida pelos grupos; ensaio de como ministrar uma aula básica utilizando a metodologia do curso. Final: baile para entrega dos certificados de conclusão do curso de didática Álvaro Reys. ______________________ Leonor Costa


4

ANO 10 - Nº 112 JANEIRO / 2017

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

Um pouco de história

Club Dançante Familiar Anjos da Meia Noite Uma história de luta pelo direito ao lazer - penúltima parte Em julho de 1913, os sócios do Club Dançante Familiar Anjos da Meia Noite requeriam ao Supremo Tribunal Federal um habeas corpus que lhes garantisse o direito de realizar bailes dançantes na região portuária do Rio de Janeiro. A partir da análise deste caso,

o historiador Leonardo Affonso de Miranda Pereira publicou artigo sobre os clubes dançantes no início do século XX, na Revista Tempo, da PUC-Rio, cuja quinta parte aqui reproduzimos. Leia os capítulos anteriores nas edições 108, 109, 110 e 111

À primeira vista, pode surpreender o fato de que traba- conduta”. Como Leonardo, ele era participante ativo do tência uma mulher que seria o par de Henrique ao longo lhadores de baixa renda como aqueles que compunham o movimento operário carioca, tendo atuação destacada na da noite. Tal assédio incomodou Henrique, que foi tirar clube, cuja finalidade era meramente recreativa, se mos- Liga do Operariado do Distrito Federal — da qual chegou satisfações com o galanteador, dando início a um desentrassem tão atentos às brechas da legislação que podiam a ocupar a presidência naquele ano de 1913. Por mais que tendimento entre ambos. Inicialmente controlado com a ajudar a construir sua legitimidade. Esse estranhamento ele pudesse ter diferenças políticas ou administrativas com intervenção do diretor de salão do clube, que disse a eles não resiste, porém, a um olhar mais aproximado sobre o antigo presidente, mosnão ser permitido “discuseus componentes. Distantes da imagem alienada e pas- trava, assim, compartitir dentro do salão”, o caso siva projetada por parte de muitos militantes operários do lhar com ele uma mesma teria desdobramentos por Como líderes de categorias de período sobre os componentes de clubes como aqueles, os perspectiva em relação volta das quatro horas da forte presença negra, esses sujeitos sócios do Anjos da Meia Noite mostravam não ver contra- ao associativismo danmadrugada, quando o baile mostravam que, para parcelas do dição entre a busca do lazer e a participação mais efetiva çante, cuja importância começava a esfriar. Ao saímovimento operário mais distantes no enfrentamento político e social. Não por acaso, dentre não era deixada de lado rem do clube, encontraramdo modelo de ação política comum seus fundadores, estava o foguista David Francisco Candi- em favor de outros espase novamente os dois no do, que pelo menos desde 1904 era um ativo participante ços de articulação social Largo do Depósito, no qual a imigrantes de origem europeia, a do Centro Geral dos Foguistas e que em 1912 mostrava- supostamente mais relese localizava sua sede. O busca do lazer e a atuação política se ainda envolvido com propostas de “união da classe”. vantes. resultado foi um confronto pareciam articuladas em uma mesma Do mesmo modo, quando o clube decidiu oficializar seus Não era de se estranhar, físico no qual a perna de Joexperiência, que estava longe de se estatutos, tinha como presidente o estivador Leonardo por isso, que os sócios do aquim Barbosa foi baleada poder definir pela marca da alienação Machado, desde 1906 um ativo participante da União dos Anjos da Meia Noite se por Henrique, que acabou Operários Estivadores — sociedade cujo endereço ficava mostrassem tão atentos também ferido em sua tenno mesmo Largo do Depósito em que estava sua sede, de em 1910 ao sentido polítativa de fuga. cuja diretoria Leonardo passou a fazer parte a partir de tico da cassação de sua licença. Para evitá-la, elaboraram Diante do ocorrido, a diretoria do clube se apressou em 1908. Como líderes de categorias de forte presença negra, uma estratégia na qual mostravam não ver uma diferença negar que o desentendimento tivesse relação com o baile esses sujeitos mostravam que, para parcelas do movimen- essencial entre uma associação com fins recreativos e ou- ou que houvesse o crime se desencadeado em sua sede. Ao to operário mais distantes do modelo de ação política co- tras de caráter político ou sindical — tentando garantir o comparecer espontaneamente à sede do Jornal do Brasil mum a imigrantes de origem europeia, a busca do lazer funcionamento daquela pelas mesmas regras e leis em que para prestar esclarecimentos, Deocleciano Silva, Primeiro e a atuação política pareciam articuladas em uma mesma se apoiavam para amparar o funcionamento destas. Secretário da associação, explicava que “o baile terminou experiência, que estava lonEra essa a lógica que às 3 e 40 minutos da madrugada e o conflito aludido deuge de se poder definir pela se explicitaria, a partir de se às 4 e 50 minutos, isto é, uma hora quase depois de marca da alienação. maio de 1913, quando um fechado o club”. Do mesmo modo, afirmava que “a desorSem respeitar as regras de Os sócios do Anjos da pequeno conflito ocorrido dem foi promovida na rua, sem ter havido durante o baile comportamento definidas pelos Meia Noite não constituíam no clube serviu de pretex- a menor alteração da ordem”. De nada adiantaram, porém, estatutos do clube, Barbosa passou um caso isolado. Como eles, to para uma nova tentati- tais explicações. Frente à grande cobertura que o caso gaos membros de vários outros va do Chefe de Polícia de nhou na imprensa da capital federal, o Chefe de Polícia a assediar com insistência uma clubes da região portuária sustar seu funcionamento. expediu ao Delegado do distrito a ordem de cassação da mulher que seria o par de Henrique mostravam também articular Na noite de sábado, dia 24 licença de funcionamento da sociedade, determinando o ao longo da noite. Tal assédio o associativismo dançante e de maio, os Anjos da Meia “fechamento da sede social” e “impedindo por meio de incomodou Henrique, que foi tirar a luta política em suas expeNoite realizaram, como de seus agentes e da força pública” que o clube continuasse satisfações com o galanteador riências. Ao resolverem, em costume, um concorrido a funcionar. setembro de 1906, fundar baile. Nos salões cheios (continua na próxima edição) a Sociedade União dos Fode sua sede, os sócios e ___________ guistas para lutar por seus direitos, os trabalhadores nas demais convidados dançavam animadamente em pares Por Leonardo Affonso de Miranda Pereira, historiador | caldeiras buscaram abrigo justamente na sede do Retiro ao som dos choros e polcas tocadas por “uma charanga”. Departamento de História da Pontifícia Universidade Cada América. No caso dos Anjos da Meia Noite, no entan- Dentre eles, estavam Henrique Rodrigues da Fonseca, um tólica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Reprodução autorizato, essas ligações pareciam ainda mais evidentes. Quando, ladrilheiro que exercia então o cargo de 2º Fiscal do clube, da pelo autor e pela Revista Tempo, do depto. de História no final de 1912, Leonardo Machado deixou a presidência e um certo Joaquim Barbosa, seu consócio, que o repórter da PUC-Rio. Publicado originalmente em “Tempo vol.19 do clube, assumiu seu lugar Victorino Gonçalves, descri- do Jornal do Brasil se limitou a definir como um “pardo”. no.35 Niterói July/Dec. 2013”. URL: http://www.scielo. to por um comissário de polícia como um estivador “que Sem respeitar as regras de comportamento definidas pelos br/scielo.php?pid=S1413-77042013000200007&script=s goza de boa reputação pelo seu amor ao trabalho e por sua estatutos do clube, Barbosa passou a assediar com insis- ci_arttext


www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

ANO 10 - Nº 112 JANEIRO / 2017

5

Vestidos lindos, salões sujos O imaginário sobre as sensações de estar em um salão oitocentista pode ser encantador ao ponto de nos entorpecer. Os filmes de época corroboram Maristela Zamoner a fantasia da viagem no tempo a estes ambientes. Os trajes eram belíssimos e exuberantes. Os salões, além de arquitetonicamente bem elaborados, eram decorados com riqueza. A música... Era tocada ao vivo por magníficas orquestras que deviam encher a alma de alegria. Mas a realidade do que estes salões foram, no Brasil, não é tão deslumbrante. Nos salões de baile do século XIX era comum a fumaça de cigarro, cachimbo e charuto, apesar da existência de salas exclusivas para a prática do fumo. Não havia ar condicionado. O banho diário nem sempre foi um hábito. Os produtos químicos para o controle do cheiro da transpiração dos corpos que dançavam animadamente não eram tão eficientes. Alguns textos chegam a mencionar que tais odores faziam parte da dança. Antes da luz elétrica, que chegou somente ao final do século XIX, a ilumina-

ção a “azeite de peixe”, como se chamava o óleo de baleia, também tinha seu cheiro característico, como ocorria com o uso de gás ou querosene para o mesmo fim. Os trechos de ruas pelos quais se passava até que se chegasse a um salão de baile eram, por regra, imundos (veja quadro). Ao sair de carruagens, arrastavam-se os longos vestidos com suas grandes caudas, plenamente aptas a recolher muita sujeira pela lamaceira até que se chegasse à pista de dança. Afinal, animais diversos vagavam pelas ruas, onde faziam suas necessidades sem qualquer pudor. Alguns comportamentos no salão pioravam toda esta situação, ao ponto de merecerem registro nos periódicos da época. O Commercial, jornal do Ceará, registra, em 1855: Selvagires. Não permitte a boa educação, nem a civilidade e urbanidade cuspir escarrar, ou assuar se deixando cahir o monco em huma sala limpa e asseiadada, entre tant a caza do baile do dia 7 forão vistos muitos cavalheiros na sala de dança cuspirem sobre

A moda dos vestidos de cauda, para ocasiões festivas, não passou despercebida aos chargistas da época, como nesta ilustração de 1866, publicada na Revista Cabrião, periódico de São Paulo. Diz a legenda que, desta vez, as damas não poderão reclamar da comparação, pois escolheram uma bonita ave para ilustrar a moda. Imagem: Revista Cabrião, no 10, página 77, São Paulo, 12 de dezembro de 1866. http://www.brasiliana.usp.br/bitstream/handle/1918/06002510/060025-10_COMPLETO.pdf o sôlho, o que deu lugar as justas queixas de huma senhorita por ver o seo vestido roçar ou lamber a immundicie. Espera-se que os diletantes de taes funções acre-

Saneamento no Brasil Império Antes do sistema de esgoto, as cidades fediam pela mistura de cheiros de várias origens. Vísceras de animais e restos vegetais eram jogados pelas vielas onde apodreciam sem

expectativa de serem recolhidos. As fossas permaneciam abertas e acabavam recebendo todo tipo de resíduo. Pelas cidades do país, os conteúdos de penicos, quando não se lançavam pelas janelas dos sobrados (eventualmente atingindo passantes), esvaziavam-se em toneis, que eram levados pelos escravos, sobre suas cabeças, até o local de despejo. Durante o trajeto, os excrementos transbordavam e escorriam pelas costas dos escravos, formando listras comparáveis às dos animais que inspiraram o apelido que ganharam: tigres ou tigreiros. A náusea provocada nas ruas por estes hábitos ganhava os jornais em pedidos por providências. Ratos e baratas se proliferavam sem limites, trazendo consigo o prenúncio das mais variadas e desconhecidas moléstias. Não era apenas a dança que fazia subir a temperatura dos corpos. Sua concorrente neste quesito era a febre, fruto das incontroláveis doenças trazidas por tanto descuido no ambiente. __________________________ Maristela Zamoner

“Tigreiros” despejando o conteúdo dos vasos sanitários na Praia de D. Manuel, que ficava próxima à atual Praça XV, no Centro do Rio. Litografia de Henrique Fleiuss, Semana Ilustrada n° 05, 1861. Acervo Fundação Biblioteca Nacional

ditem que huma salla de festim naõ he numa escarradeira, e que he preciszo correçaõ e emenda para outra vez. É, acredito que tenhamos evoluído. Hoje, os bailes não devem incluir o fumo, vieram os antitranspirantes, a iluminação é elétrica, em ambientes urbanos houve a ampliação da pavimentação, da rede de esgotos e o recolhimento de resíduos se aprimorou. Na atualidade, temos estrutura para um bom banho a cada dia e é mais provável voltarmos de um baile sem escarro no vestido. Até as baleias são protegidas... Sim, evoluímos. Mas não nos animemos como se tudo estivesse resolvido. Ainda é preciso caminhar muito. Afinal, diferente do que acontecia no século XIX, agora já ultrapassamos o tamanho populacional mundial sustentável mais de três vezes e nossa sujeira é escondida. É preciso reflexão e mudança de comportamento. Como tudo está mais confortável, ainda não nos demos conta, mas a quantidade de lixo e dejetos que produzimos em escala nunca vista, destinados longe dos olhos, mas, comprometendo a saúde do planeta, ameaçam muitos dos bailes das futuras gerações. Saiba mais: Santos, Manuela Arruda dos. Pintou sujeira: lixo e excrementos faziam parte do dia-a-dia da população do Recife imperial. Revista de História.com.br. 2008. Disponível em: http://www.revistadehistoria.com.br/secao/artigos/pintou-sujeira _______________ Maristela é professora de dança, pesquisadora e autora de vários títulos, dentre os quais quatro livros publicados sobre dança de salão


6

ANO 10 - Nº 112 JANEIRO / 2017

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

Ensaio

Opinião

Rato ou Zebedeu?

Concurso de dança é ótimo, mas nem sempre justo

Euclides, ou Rato, como fora apelidado, dançava como se deslizasse sobre bolhinhas de sabão. Carismático, sempre no “linho”, maMaria Augusta gro, olhar expressivo, cabelos lisos e finos emoldurando o rosto barbeado até ficar com pele de pêssego, Rato dançava leve como algodão doce. Tinha como fã o irmão de nome Álvaro, mais velho que ele, e que com os pés nada mais sabia fazer do que andar vagarosamente. Esse irmão estava sempre presente em sua casa e tinha especial afeto pela cunhada. Aquela que tinha um vestido de baile com cinto de flores. O que a cunhada determinasse, Álvaro transformava em lei. Um belo dia, surgiu a possibilidade de Euclides ir a Itaperuna, município próximo a Miracema, não só para dançar, mas para exibir-se com o número de sapateado que o distinguia como um sonho de consumo das damas. Mas como ausentarse de casa durante um final de semana sem justa causa e sem pecado? Para tal manobra de traição à esposa, Rato lançaria o irmão como cúmplice. Mentiras ditas, farsas perfeitas criaram e partiram. Os dois. O que Álvaro não sabia era que Rato já havia dançado no Clube para onde se encaminharam, de trem, carregando a mala que saíra pela janela da casa de Rato, tudo no esforço coletivo de a cunhada ser enganada. Pior! Rato não esperava encontrar no baile a dançarina Cleusa, com quem havia prometido compromisso, e que lá o aguardava para, naquele baile agourento, coroarem o namoro, transformando-o em noivado. E como Rato ia noivar se casado era? Já no salão dançando com Cleusa, preocupado com a solução que daria a tal

complicação que criara para si, Rato chamou Álvaro ao pé de uma escada e selaram um acordo de livramento. A cena consistia em Álvaro aproximar-se do casal – Rato e Cleusa – para apresentar-se, uma vez que a dançarina sequer supunha tratar-se do irmão de quem ali estava com ela para seu noivo tornar-se. Aproximarse e perguntar a Rato: “... como vai, Zebedeu? Há quanto tempo, hein? Por onde andava? Há quanto tempo não vejo seu irmão gêmeo, o Rato, ele está bem, Zebedeu?”. Climão. Cleusa nada entendeu. E, com a pressão arterial perto de 22, perguntou a Rato do que se tratava tão tenso diálogo. Rato, calmo como todo cínico, inclusive porque já havia sido palhaço de circo, pediu desculpas à Cleusa e, beijando sua mão, desferiu a maior pérola dita em sua vida: “... desculpe, minha dançarina, mas sou irmão gêmeo do Rato, ele nunca lhe disse?”. Rato (ou Zebedeu) e Álvaro saíram fugidos do baile, pois o pai de Cleusa não engolira a farsa e dera início aos atos preparativos para acabar com Rato e com quem mais com ele estivesse. Voltaram de trem para o Rio de Janeiro, abandonando no vagão a mala com roupas de Rato (ou Zebedeu, lá se sabe), para com ela não terem que entrar em casa sem mentiras convincentes. Zebedeu não ficou noivo de Cleusa e Rato continuou casado com a moça do vestido de cinto de flores até o final dos seus dias. _________________________ Maria Augusta é dançarina e está reunindo contos para um livro sobre as aventuras do dançarino Rato, do qual este texto faz parte. Acompanhe as crônicas lendo online o Jornal Falando de Dança, em www. jornalfalandodedanca.com.br.

Assine nosso jornal! Quero receber o JFD

( ) R$ 30,00 pelo período de 6 meses (6 edições) ( ) R$ 60,00 pelo período de 12 meses (12 edições) ( ) R$ 120,00 pelo período de 24 meses (24 edições) Nome ................................................................................................. CPF ........................................................... tel. ( ) ..................................................... Endereço para remessa: ................................................................... .................................................................... Bairro .......................... Cidade: ................................. Estado: .................................. CEP ( )( )( )( )( )-( )( )( ) Remeter para: Amaragão Edições de Periódicos - R. Joaquim Silva 11 sala 408 - Lapa Rio de Janeiro - RJ - CEP 20241-110 - Informações: (21) 2551-3334 / 99202-6073

Ninguém é mais contraditório do que eu quando o tema é concurso de dança. Adoro ver concursos, ao mesmo tempo em que não Milton Saldanha acredito que realmente mostrem os melhores dançarinos, exceto quando a disparidade entre eles é gritante. O que gosto no concurso é a garra da turma, a adrenalina no limite, o pulsar dos corações intensamente. Mas quando a dúvida predomina quanto ao resultado – hora em que fatores extra-dança entram em cena, tipo simpatia do casal – percebo o quanto o concurso de dança é irreal como instrumento de aferição, e inclusive injusto. Um casal fisicamente bonito, por exemplo, enfiado num figurino cheio de brilho, já entra em cena com uma pequena vantagem, quando comparado ao casal sem tantos atributos e apelos visuais. Os olhos do público e dos jurados serão naturalmente atraídos para os belos, enquanto os demais terão que redobrar esforços para mostrar o que sabem fazer. Isso é inevitável, mas o concurso é de dança e não de beleza. Se os jurados não tiverem olhos severamente técnicos, correrão o risco de incorrer em erros mais típicos do público sem este compromisso. Um dos mais comentados concursos de dança no Brasil, por ser na Globo, e por serem raros os concursos, é o quadro Dança dos Famosos, no programa do Faustão. Não pode ser levado a sério, porque já começa pecando pelo nome. Não é a dança dos melhores dançarinos e sim dos famosos. Atrizes e atores das novelas da Globo, além de outras pessoas que interessam ao seu marketing, dançando com um professor ou professora de dança. Ou seja, parcerias que misturam profissionais com amadores. Isso muda tudo. Concursos só de profissionais, ou só de amadores, têm outra configuração. Ou mesmo que mesclem as duas categorias, quando todos dançam bem e fazem disso uma das preocupações prioritárias de suas vidas, o resultado geral será bem diferente. Não será novidade a ninguém que a Globo tem seus interesses de marketing. Exceto se o desempenho do casal for flagrantemente ruim, vai existir aquela “forcinha” para determinado nome, principalmente no voto popular, a cuja apuração ninguém tem acesso. Mesmo assim considero que o quadro presta um ótimo serviço à dança de salão, pela divulgação dos professores e pelo estímulo para que mais pessoas dancem.

Além da graninha que todos ganham, e isso não faz mal a ninguém. Mas não significa que eu leve o concurso a sério, incluindo nisso o chamado júri técnico. Quem é de dança percebe suas gafes. Ninguém pode conhecer a fundo todos os ritmos, mas o tal júri técnico finge que conhece. Como minha praia é tango, que estudo intensamente há 15 anos, com freqüência regular a festivais e bailes em Buenos Aires, fico espantado com certos comentários. Um deles, por exemplo, de que no tango “se caminha pouco”, quando é justamente o contrário, a caminhada é a principal base e alma do tango. Os especialistas em outros ritmos devem ouvir sandices do mesmo calibre. Ainda sobre júri técnico, não me parece que uma bailarina ou bailarino clássico estejam aptos a julgar dança de salão. Muito menos o oposto, dançarinos de salão julgando balé. São coisas totalmente diferentes. A dificuldade, num caso ou outro, será perceber as sutilezas técnicas. No tango, que me sinto a vontade para comentar, o crivo técnico colocará em primeiro lugar a densidade da pisada, adequada à música, e não o eventual efeito aéreo de uma pegada. Uma bailarina clássica talvez veja o contrário, com o senso estético a que está habituada. Num julgamento, sob o ponto de vista estritamente técnico, isso não dará certo, e se instala a polêmica. Concursos, enfim, nunca mostrarão realmente os melhores, porque o conceito de melhor envolve a diversidade técnica entre os casais. Cada casal será melhor em determinados quesitos (um pisa melhor, outro roda melhor, alguém mais se destaca nos adornos, etc), e nisso vai pesar a preferência do jurado, pela escola que segue. Um jurado conservador gostará de uma dança mais contida, já o que aprecia a ousadia vai valorizar a coragem dos dançarinos. Pesa também o que chamo de empurrão do público, algo que já vi mais de uma vez no maior campeonato de tango do mundo, anual, em Buenos Aires. Quando um casal ganha de lavada a preferência do público, os jurados sabem que a vaia será imensa e inevitável se o tal casal não aparecer pelo menos em segundo lugar. Vale lembrar que o público é de 4 mil pessoas, ou mais. Nenhum jurado vai querer se queimar. Nesses momentos, o ponto de vista estritamente técnico vai para o brejo. E isso mostra que nenhum concurso será espelho fiel da verdade e justiça. Ainda que sejam ótimos e repletos de emoções. ________________________ Milton Saldanha, fundador do Jornal Dance (São Paulo)


CLUBE MUNICIPAL

R. Haddock Lobo 359, Tijuca (a 100 metros do metrô Afonso Penna)

DO

PLANETA

Flash Back

VENHA DANÇAR AO SOM DOS ANOS 70 / 80 / 90

S Á B - 28 J A N E I R O - 2 0 H

DJ BACALHAU E DJ MÁRCIO MARQUES

O BAILE

AL

GER

IMPERDÍVEL

evento imperdível, com a internacional

ORQUESTRA TABAJARA

Em homenagem aos

40 anos do Programa Show do ANTONIO CARLOS Realização:

LIMA PROD

S

Inf. 2569-4822 ramal 206 / 3528-8966

APOIO

DO

ÕE

ANTECIPADO DAMAS R$ 15 / CAVALHEIROS R$ 25 À VENDA NO 5º ANDAR DO CLUBE

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 7 - ed 112 - JANEIRO / 2017 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334

O MELHOR

CLUB MUNICIPAL Administração Luís Cosme Paredes Dias R. Haddock Lobo 359 - Tijuca

informações: 3528-8966 2569-4822 ramal 206 Geraldinho dos Clubes: 2527-2300 / 988.740.012 Ingr. antecipado: R$ 20 (sócios) R$ 30 (não sócios)

Apoio:

QUI - 16 MAR - 16H


1º 2º 3º 4º

sábado sábado sábado sábado

| | | |

Conheça os Bailes da Beth

Escola de Dança

Rastapé & Batucada Tum & Tum Zouk+ Milonga Carioca

NOITES DANÇANTES NO BARRETO SOCIAL CLUBE SEX 06 JAN 19H

SEX 27 JAN 19H

Ingresso: R$ 15,00 - R. Dr march, 26 - Barreto - Niterói

TARDE DANÇANTE NO CLUBE TAMOIO

Botafogo

Espaço de Dança Adriana Gronow & Paulinha Leal R. Arnaldo Quintela 22 - tel. 2542-2040

DOM 15 JAN 16H

Cláudio Fontella

Ingresso: R$ 15,00 - Av. Kennedy 101 - São Gonçalo

GRUPO

TODO SÁBADO

vozes

CLUBE RECREATIVO

som &

PORTUGUÊS JACAREPAGUÁ

R. Ariapó 50 - Taquara

2757-2564 964.343.243

BAILE DOS SONHOS DOURADOS BANDA ALTO ASTRAL

Denise Abrantes convida

18h

Conv. antecipado: R$ 15 (não sócio) R$ 10 (sócio) Mesa grátis Equipe de Dançarinos*

Todo 2º e 5º domingo na ASPOM Av. D. Helder Câmara 8484 Piedade

* sistema de ficha

Inf. Denise 96458-7280 Karla Falcão 96409-8209 Apoio: Jornal Falando de Dança

Casa da Vila da Feira convida ALMOÇO DANÇANTE

Aos domingos, a partir das 12h, no salão nobre Cardápio variado | doces portuguesas | música ao vivo

arte: www.jornalfalandodedanca.com.br

R. Haddock Lobo, 195 - Tijuca - reservas: 2293-1542 Dança de salão no Fonseca, Niterói Prof. Markinhos

Inf.

Sorriso

Fonseca A. C. - Fonseca - Niterói

97667-1866

Alameda S. Boaventura 1042 - tel. (21) 3601-8232

mestresalasorriso @bol.com.br

Dançar é: prazer - amor - amizade - fraternidade conhecimento - saúde. Faça parte você também dessa atividade e viva melhor

2223-4066 Stelinha Cardoso - REG.MTB: 15.414

Av. Marechal Floriano, 42 - sobr. Centro - Rio de Janeiro - RJ

Temos vários convênios - faça uma aula experimental BAILE DO ALMOÇO - TODAS AS QUINTAS, 12H BAILE MENSAL - ÚLTIMA SEXTA DO MÊS, 18H ESPAÇO DE DANÇA

Bem Estar TRAV. EXISTENTE 26 POSSE - NOVA IGUAÇU - RJ

EM NOVA IGUAÇU

97921-4670 96414-5115

espacodedancabemestar ALUGAMOS ESPAÇO PARA EVENTOS

DANÇA DE SALÃO - FOX - SAMBA - FORRÓ - BOLERO

DANÇANDO A BORDO EM ANGRA DOS REIS DOM 20 MAI EMBARQUE EM NITERÓI

Passeio náutico com churrasco a bordo, música ao vivo e dançarinos contratados. Saída às 7h e retorno às 18h R$ 200/pessoa em até 5 x (vagas limitadas)

Beth Medeiros 995.099.782 / 992.123.689 Juliana Melo 985.708.049 / 991.653.681 bailebethmedeiros www.radioluzitana.com.br A Rádio da Cultura e do Progresso Disk Luzitana (21) 3124-3333 (21) 99612-3817

Pres. Jacemir S. Barbosa

Promoção “Faça seu anúncio e ganhe vinheta em mp3 grátis - 4 chamadas diárias”. Participe da Nossa Rede de Associados, Empresas & Amigos. Acesse o site www.cisfraternal.com.br no link “CARTEIRA” e receba grátis a sua Carteira Exclusiva familiar com Status de Membro Fundador. Ganhando 50% de descontos nos eventos e na linha de produtos da Rede.

Encontro Conexión sin fronteras

Conexão sem fronteiras Exponha seus produtos / serviço visite o site para informações

DOMINGO

12 FEV 2017

| Espaços alternativos | Corpo & Movimento | | Meditação e reflexão | palestras | produtos | | Espaço Gourmet | Apresentação de danças | | Vivências | Workshops | Sincronicidade | | Artesanato | desfile | shows musicais |

13 ÀS 19H

Organização:

Apoio:

Ingressos antecipados: (21) 97262-5967 / 99796-1131 http://encontroconexionsinfronteras.jimdo.com

CASA DE DANÇA SÉRGIO CASTRO BOLERO, SAMBA, FORRÓ, SOLTINHO, TANGO E OFICINA DE SAMBA TURMA DE SAMBA INICIANTE E INTERMEDIÁRIO - TODA 5ª DE 20 ÀS 21H

RUA QUIRIRIM, 1523 - CASA 5 - VILA VALQUEIRE casadedancasergiocastro@yahoo.com.br

DANÇA DO VENTRE

Convênios APPAI / ASSIST

Inf. 3390-9650 9.6403-3077 9.8626-5044

Espaço Cultural Taquara Estr. Marechal Miguel Salazar Mendes de Morais, 192 Jacarepaguá - próx. BRT Merck / Sta. Efigênia

PROFS.SÉRGIO CASTRO ANA CASTRO

DANÇAS TEATRO arte

Venha fazer uma aula experimental

Danças de salão | Artesanato | Ballet | Teatro Jazz | Sapateado | Tango | Samba no pé | Zumba Aulas personalizadas e pequenos grupos coreografia para casamentos e debutantes Excursões dançantes | Equipe de dançarinos Aluguel do espaço | som e iluminação

Tel.: (21)2256-1956 e 2548-7755

www.marquinhoscopacabana.com.br email: marquinhoscopacabana@globo.com

apoio:

R. HENRIQUE DIAS, 95 - ROCHA

Av. N. Sa. Copacabana 427 - gr. 302/303 - Rio de Janeiro - RJ

Sábados: baile de ficha, início 19:00h

Dançarinos contratados Sorteio de brindes E muito mais!

CLUBE DOS SUBTENENTES E SARGENTOS DO EXÉRCITO

Studio de Dança Marquinhos Copacabana Aulas em grupo ou particular com os melhores professores do mercado

Bailes com música ao vivo com

Direção: David Theodor

FILIE-SE!

Certificado pelo Sindicato dos Profissionais de Dança do Rio de Janeiro (CQID | 2010) Registro Profissional (DRT) nº 46.947

2426-4816 | 9-9299-4078 (Claro / Zap) | 9- 9816-5813 (Vivo) contato@davidtheodor.com | www.davidtheodor.com

FORMULÁRIO DE ADESÃO COM DAVID THEODOR DIRETOR DE COMUNICAÇÃO

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 08 - ed. 112 - JANEIRO / 2017 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334

Bailes:


84 ANOS DE GLÓRIAS

CLUB

MUNICIPAL

Associação dos Servidores Públicos Club Municipal

Fundado em 17 de novembro de 1932

DO

FEIJOADA

PLANETA

Flash Back

DO MUNICIPAL

DOM 29 JANEIRO

Abertura às 13h com Batuque na Cozinha

VENHA DANÇAR AO SOM DOS ANOS 70 / 80 / 90

S Á B - 28 J A N E I R O - 2 0 H

DJ BACALHAU E DJ MÁRCIO MARQUES AL

GER

APOIO

Convidado: Tico do Gato

MARQUINHO SATHAN

LIMA PROD

S

Inf. 2569-4822 ramal 206 / 3528-8966

DO

ÕE

ANTECIPADO DAMAS R$ 15 / CAVALHEIROS R$ 25 À VENDA NO 5º ANDAR DO CLUBE

DOM - ALMOÇO DANÇANTE

Ingressos no 5º andar do clube Informações:

2569-4822

ramal 206 ou

3528-8966

SÁB | 08 ABRIL

VEM AÍ

Das 13 às 19h - Traje Esporte Fino

NOITE SERTANEJA

08/01 - AEROPORTO 15/01 - RIO NEW DANCE 22/01 - HOLIDAY

SEXTA - 03/02/17 20H Abertura com

SEG - BAILE DA MELHOR IDADE

Das 16 às 20h - Traje Esporte Fino

Swing Carioca PATRÍCIA CAL E BANDA

09/01 - W P SHOW 16/04 - RIO BALANÇO 23/01 - COPA 7 30/01 - OS DEVANEIOS

INGRESSOS ANTECIPADOS NA SECRETARIA DO CLUBE NO 5º ANDAR

ALMOÇO DOS APOSENTADOS - QUI - 05 JAN - 12H

COM YARA SANTOS & ARY DO CHAPÉU

3528-8966 / 2569-4822 r. 206

Administração:

Luiz Paredes Dias

IE-SE C O S S A

“Sempre ao lado do sócio” Diretora Social: Bella Bádua

Rua Riachuelo 109 - 2º andar Centro - RJ 2221-1011 / 9-9265-5035 www.renatapecanha.com.br

APOIO JORNAL FALANDO DE DANÇA

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 09 - ed. 112 - JANEIRO / 2017 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334

O MELHOR

ELYMAR SANTOS

ABERTURA 20H COM DJ BACALHAU

Ingressos já à venda no 5º andar do clube Informações: 3528-8966 / 2569-4822 r. 206

Rua Haddock Lobo 359 - Tijuca Tel. 2569-4822 r. 206 - 3528-8966 Curta nossa fan page no Facebook

www.clubmunicipal.com.br

84 ANOS DE GLÓRIAS

apoio

José Magela

ATENÇÃO: ESTAMOS EM NOVO ENDEREÇO! VENHAM NOS VISITAR

DO BOLERO AO SAMBA || DO FORRÓ AO TANGO COREOGRAFIAS PARA EVENTOS || PREPARAÇÃO CORPORAL PARA CENAS

Com este: uma aula grátis e isenção de matrícula

tel. 99162-1845 || email: jmagela2016@gmail.com

DANÇAS DE SALÃO E CONSCIÊNCIA CORPORAL SESSÕES PARTICULARES

Niterói & São Gonçalo

Alvaro’s Dance

Escola de Dança Reinaldo Gonçalves

Conforto, credibilidade, profissionalismo e bom atendimento

DANÇA DE SALÃO | RITMOS QUENTES (SALSA E ZOUK) | CURSO DE FORRÓ

DANÇAS DE SALÃO bolero-fox(soltinho)-forró-tango-salsa zouk-samba de gafieira-samba no pé NOVIDADE: ballet clássico e flamenco

Escola de Dança Reinaldo Gonçalves

reinaldo.goncalves2004@ig.com.br - www.escola-danca-reinaldo-goncalves.webnode.com

Inf. (21) 3186-3151 / 9-9741-8373 (Vivo) / 9-8473-4868 (Oi) Em Niterói: Avenida Amaral Peixoto 36 s/415 - Galeria Paz - Centro Em São Gonçalo: Rua Nilo Peçanha 320 - Centro

Dir.: Álvaro Reys

Informações:

2547-0861

R. Barata Ribeiro 271, sobrado - Copacabana - RJ


10

ANO 10 - Nº 112 JANEIRO / 2017

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

Roteiro dos eventos de nossos patrocinadores e apoiadores SEGUNDAS Baile da Melhor Idade do Club Municipal Todas as segundas, das 16 às 20h. Inf.: 25694822. V. página de divulgação do clube nesta edição, com a programação das bandas. Aula Baile no C. C. Valqueire Todas as segundas, das 19 às 21h, grátis, com prof. Sérgio Castro. Inf. 3390-9650 / 9-86265044. TERÇAS Baile em S.Gonçalo Organizado pela Ac. de Dança Reinaldo Gonçalves, toda primeira terça-feira do mês, bailinho no Abrigo Cristo Redentor, Centro de São Gonçalo (em frente ao Sesc), de 19 às 22h. Inf. 9-9741-8373. Baile da Conceição da Bahia Baile mensal (última terça) dos aniversariantes do mês, na Ac. de Dança Conceição da Bahia, na Tijuca, a partir das 18h. Inf. 2288-2087 / 9-9679-3628. Tijuca Tênis Clube Inf. (21) 3294-9300. Baile Romântico da Churrascaria Gaúcha Todas as terças, a partir das 20h, música ao vivo. Inf. 2558-2558. Baile do Studio de Dança Flávio Marques Todas as terças, no Centro do Rio, das 12 às 15h. Inf. 2223-0530 / 9.9745-2305. Baile de tango no Studio de Dança Valdeci de Souza Todas as terças, a partir das 19h. Inf. 78977969. Baile Maison Sully Inf. 9.6445-5111 (Júlio) ou 7806-2645 (Pessanha). Baile dos 84 anos do Humaitá A. C. Dia 10/01/17, em Niterói, a partir das 20h, com o conjunto Os Devaneios. V. anúncio nesta edição. Inf. 98787-0068. QUARTAS Forró sertanejo e universitário na Churrascaria Gaúcha Todas as quartas, a partir das 20h. Inf. 2558-2558. Dançando na quarta Casa dos Poveiros, Tijuca. Inf. 2578-4361 / 7830-3009. Quartas Democráticas Toda quarta, no Democráticos, forró ao vivo. Inf. 2252-4611. Baile dos Amigos da Dança, na Taquara Todas as quartas, no G. R. Português de Jacarepaguá, a partir das 18h. Inf. 2423-3585. Quartas dançantes no C. E. Mauá / SG Toda quarta, a partir das 18h, com atrações variadas. Dia 04/01, baile beneficente com dj Reinaldo. Inf. prof. Genilton 973-538-170. QUINTAS Tango Gala Baile mensal, na Academia Alvaro’s Dance, em Copacabana, ligar para confirmar. Inf. 2547-0861. Baile da Gaúcha Todas as quintas, a partir das 20h, na Churrascaria Gaúcha, com opção de dançarinos de ficha. Inf. 2558-2558. Baile do Almoço Toda quinta, 12h, no Espaço X de Stelinha Cardoso. Inf. 2223-4066 / 9-8780-2223. Bailinho do Clube do Rocha Toda segunda quinta-feira do mês, com equipe de dançarinos (sist. ficha). Inf. 3256-5833 / 9.6423-7917. Bailes da Integração Realização Sidnei Amorim (97109-166) e Célia Mendes (97599-3321). Almoço dos Aposentados do Club Municipal Na primeira quinta-feira do mês, a partir das 12h, evento dançante com almoço self-service opcional. V. programação completa na página do clube, nesta edição. Inf. 2569-4822. Baile no Paratodos da Pavuna Dia 19/01/17, 19h, comemorando os 50 anos do conjunto Os Devaneios. Inf. 2527-2300 / 988-740-012. V. anúncio nesta edição. Baile dos 40 anos do Programa do Antonio Carlos com Orq. Tabajara Dia 16/03, 16h, no Club Municipal. Realização Geraldinho dos Clubes. Inf. 25272300 / 988-740-012. SEXTAS Baile da C. D. Carlinhos de Jesus Inf. 2541-6186 (Botafogo). Baile da Cachanga do Malandro

(Carlos Bolacha) Na Lapa. Inf. 7862-7012 / 97916-0141 (Tim) Baile da Ac. Cristiano Pereira Em Bonsucesso. Inf. 3868-4522. Casa dos Poveiros Na Tijuca. Inf. 2578-4361 / 7830-3009. Sexta Carioca na Churrascaria Gaúcha Em Laranjeiras. Inf. 2558-2558. Milonga Xangô Na Lapa. Inf. 3970-2457. Espaço Dança Comigo Toda sexta, no Estácio (antiga ac. Caio Monatte). Inf.2273-4346. Baile Grande Sexta Toda última sexta do mês, 18h, no Espaço X de Stelinha Cardoso. Inf. 2223-4066 (Centro do Rio). V. anúncio nesta edição. Happy Hour do CASS Baile mensal no Clube do Servidor Municipal, Estácio, geralmente na primeira sexta-feira do mês. Inf. pelo email nodadanca@gmail.com. Casa de Viseu Inf. tel.3391-6730. Seresta no Canto do Rio (Niterói) Todas sextas, das 18 às 22h, no Centro de Niterói. Inf. 2717-5023. Sexta dançante no sobrado Toda sexta, no Studio de Dança Henrique Nascimento, em Pilares. Inf. 3899-7767 / 77060217. Pagode do Municipal A partir das 20h, v. página com programação do clube, nesta edição. Inf. 2569-4822. Bailes da Beth no Barreto Social Clube Dias 6 e 27/01, 18h, em Niterói, música ao vivo com Cláudio Fontella. Equipe de dançarinos. Realização Beth Medeiros. Inf. 992-123689. V. anúncio nesta edição. Pic Nic de São Sebastião Dia 20/01/17, 15h, na Aspom, com bandas Os Devaneios e Alto Astral. Inf. com Luiz Batalha. Inf. 97029-3103 / 98769-7387 / 99573-8191. Noite Sertaneja no Club Municipal Dia 03/02, com a cantora Patrícia Cal e banda. Abertura às 20h com grupo Swing Carioca. V. detalhes na página de divulgação do Club Municipal, nesta edição. Inf. 3528-8966. Bailes da Amiga Angela, na Aspom Dia 12/05, Baile das Mães, com Alto Astral; dia 21/07, Baile do Amigo, com Novos Tempos; dia 11/08, Baile dos Pais, com Alto Astral; dia 02/12 (SÁBADO), baile de aniversário da amiga Angela, com Novos Tempos. Início 19h30. Inf. 3017-0953 / 99973-1408 / 976794093. V. anúncio nesta edição. SÁBADOS Baile do Núcleo de Dança Amantes da Arte Sempre no segundo sábado do mês. Vagas limitadas, ligar antes. Inf. 2595-8053 / 9-81425371 (Cláudio Almeida). Baile-Ficha em Copacabana Todo sábado, a partir das 19h, no Studio de Dança Marquinhos Copacabana (veja anúncio da academia nesta edição). Inf. 2256-1956 e 2548-7755. Baile na Escola Jaime Arôxa Botafogo Todos os sábados: 1º sábado: Rastapé & Batucada; 2º sábado: Tum & Tum; 3º sábado: zouk; 4º sábado: Milonga Carioca. Inf. 2542-2040. V. anúncio nesta edição. Tarde Dançante no clube Helênico Todo sábado, almoço dançante das 13 às 16h, seguido de tarde dançante com banda ao vivo. Inf. 2502-1694. V. anúncio nesta edição. Gafieira Estudantina Bailes todos os sábados, a partir das 20h. Inf. 2232-1149. Sábado Especial na Gaúcha Todos os sábados, a partir das 20h, na Churrascaria Gaúcha. Inf. 2558-2558. Bailinho do Estúdio de Dança Ivan Sanna (Copacabana) Inf. 9-8442-2178. Zouk Explosion na academia Lídio Freitas Baile mensal. Inf. 2565-6253. Baile dos Sonhos Dourados Todo sábado, 18h, no G. R. Português de Jacarepaguá, com grupo Som e Vozes. Dançarinos grátis. Inf. 2423-3585. V. anúncio nesta edição. Bailes no Espaço F (Freguesia) Inf.: 9-8702-0078. Baile da Melhor Idade, em Mesquita Todo segundo sábado do mês, no Espaço de Dança R & A, do prof. Reginaldo. Inf. 9-76502746 / 9-8809-3888. Bailes do Clube das CelebrIdades. Inf. 2257-3898 / 99777-1338 / 98567-7874. Grande Baile da Amizade Dia 14/01/17, 16h, com banda Novos Tempos, na Casa Elandre. Realização: Pinta (3297-

6305 / 99020-2201). Flash back do Club Municipal Dia 28/01, com dj Bacalhau e dj Márcio Marques. V. detalhes na página de divulgação do Club Municipal, nesta edição. Inf. 3528-8966. Baile à fantasia no Canto do Rio Dia 28/01/2017, tradicional baile à fantasia com premiação. A partir das 20h, com bandas Alto Astral e Big Show. Lançamento do concurso virtual de fantasia do Jornal Falando de Dança e comemoração do aniversário do Parcifal. V. anúncio nesta edição. Inf. 2704-6915 / 99733-4111. Baile da Posse da nova diretoria do Helênico A. C. Dia 28/01, 16h, com banda Paratodos. V. anúncio nesta edição. Inf. 2502-1694 / 21647329. Grande baile no CSSE (Clube do Rocha) Dia 15/04, 19h, com banda Alto Astral e dj W. Negrão, comemorando o aniversário da profª Cris Castilho. Baile de Aniversário da Amiga Angela Dia 02/12, na Aspom, com Novos Tempos. Início 19h30. Inf. 3017-0953 / 99973-1408 / 97679-4093. V. anúncio nesta edição. DOMINGOS Domingueira do Canto do rio Todos os domingos, em Niterói, às 19h, com banda ao vivo. Inf. 2717-5023. V. programação das bandas no anúncio desta edição. Dançando à beira da piscina, em Niterói Tempo permitindo, música ao vivo à beira da piscina do Canto do Rio, no Centro de Niterói, das 13 às 18h. V. programação do clube publicada nesta edição. Inf. 2717-5023. Domingueira Democrática Todos os domingos, a partir das 20h, no Clube dos Democráticos, no Centro do Rio, com banda ao vivo. Inf. 2252-4611. Domingueiras do Club Municipal Na Tijuca, almoço dançante, das 13 às 19h. V. página de divulgação do clube. Inf.: 25694822. Domingueiras Casa da Vila da Feira Almoço dançante do clube, na Tijuca, com o grupo Som e Vozes. V. anúncio. Inf.: 22931542. Domingueira da Aspom Todos os domingos, 18h, em Piedade, com as bandas Os Devaneios (1º domingo); Alto Astral (2º e 5º domingo); Novos Tempos (3º domingo) e Estação Rio (4º domingo). Inf. 2596-3974. V. anúncio nesta edição. FORRÓMANIA na Gaúcha Todos os domingos, a partir das 20h, o forró mais quente da cidade com duas bandas. Inf. 2558-2558. Forró é na Ariapó Todo domingo, 18h, grupos de forró ao vivo no G. R. Português de Jacarepaguá. Inf. 24233585. Domingueira Jaime Arôxa Tijuca Inf. 7856-5288 / 2565-6253. Gafieira Elite Domingueira da Paulinha, todo primeiro e terceiro domingo do mês com dj Paulinha Leal. Inf. 2232-3217. Baile de tango na Ac Jimmy de Oliveira Todo 3º domingo org. Márcio Carreiro. Inf. 2264-6044. Ligue para confirmar. Domingueira na Ac Jimmy de Oliveira Todo último domingo do mês. Inf. 2285-6920 / 9-9476-8130. Ligue para confirmar. Domingueira Alto Astral Todo primeiro e quinto domingo do mês, banda Alto Astral, a partir das 18h, no clube da Aspom, em Piedade, com equipe de dançarinos (ficha). Inf. Denise Abrantes 96458-7280 / Karla Falcão 96409-8209. Baile da Beth no Clube Tamoio Dia 15/01, 18h, em São Gonçalo, baile com música ao vivo (Cláudio Fontella) e equipe de dançarinos. Realização Beth Medeiros. Inf. 992-123-689. V. anúncio nesta edição. Baile móvel no Horto do Fonseca Dia 22/01, 11h, baile grátis no Horto do Fonseca, em Niterói, com sonorização de Gstavo Loivos. V. anúncio na última página. Inf. 99307-2736. Banda Alto Astral no Clube dos Aliados Dia 22/01, em Campo Grande, a partir das 18h, baile com banda Alto Astral e dj Edinho Rodolfo nos intervalos. Inf. 96458-7280. Feijoada dançante do Club Municipal Dia 29/01, com Marquinho Sathan, Tico do Gato e grupo Batuque na Cozinha. V. detalhes na página de divulgação do Club Municipal, nesta edição. Inf. 3528-8966.

1º PicNic Dançante Paulinho da Fusão Dia 12/02, na Fazenda Sonho Meu, com bandas Fenix e Alto Astral, dj Toinho Tocante, e outras atrações. V. anúncio na capa desta edição. Inf. 99594-0952. Excursão dançante à Sede Campestre da Casa de Viseu Dia 09/04, com baile com as bandas Alto Astral e Os Devaneios e demais atividades de lazer do local, das 9 às 18h. Inf. 97029-3103 / 98769-7387 / 99573-8191). V. anúncio nesta edição. AVISOS, SHOWS, PASSEIOS, MOSTRAS, FESTIVAIS, COMPETIÇÕES, TEATRO, WORKSHOPS, CURSOS e outros: Concurso virtual de fantasias do Jornal Falando de Dança Lançamento dia 28/01/2017, no Baile à Fantasia do Parcifal, no Canto do Rio, Niterói. A votação será online, no perfil do JFD no Facebook, e o resultado será divulgado na Quartafeira de Cinzas. Passeio Náutico Dançante Dia 08/01/17, pela baía da Guanabara, com djs Viviane Chan e Reinaldo Silva, equipe de dançarinos e almoço incluso. V. anúncio nesta edição. Inf. Edson Santos: 99496-8448 (Claro/whatsapp). Passeio dançante a São Lourençao Dias 10 a 12/02/17, com Semear Tur (Edson Santos) e Dj Chan. Inclui passeios, recreação, baile com Marco Vivan e baile com djs Vivi Chan e Sandra Lopes. Inf. 3681-4760 / 994968448 / 98284-7170. V. anúncio nesta edição. Encontro Conexión Sin Fronteras Dia 12/02/17, das 13 às 19h, no Clube do Rocha. Exposições de produtos e serviços, meditação e reflexão, palestras, apresentações musicais e de dança, desfile. V. anúncio na ed. 111 do JFD. Inf. 97262-5967 / 99796-1131. Excursão dançante a Porto Seguro (Bahia) De 15 a 19/03/2017, com Edson Santos e equipe de dançarinos, baile com banda Alto Astral e outras programações. Inf. 994968448 (Zap). Show de Elymar Santos no Club Municipal Dia 08/04, com abertura às 20h com dj Bacalhau. Ingressos já à venda. V. detalhes na página de divulgação do Club Municipal, nesta edição. Inf. 3528-8966. Excursão dançante à Sede Campestre da Casa de Viseu Dia 09/04, com baile com as bandas Alto Astral e Os Devaneios e demais atividades de lazer do local, das 9 às 18h. Inf. 97029-3103 / 98769-7387 / 99573-8191). V. anúncio nesta edição. Gafieira Brasil 2017 De 20 a 23/04/17, aulas, bailes e competições por equipes. Inf. www.gafieirabrasil.com / 98418-8706. Show com The Fevers, no Club Municipal Dia 20/05, com abertura às 20h com o grupo Swing Carioca. Inf. 3528-8966. Passeio náutico com Beth Medeiros Dia 20/05, embarque em Niterói com destino a Andra dos Reis, para passeio náutico com churrasco a bordo, música ao vivo e dançarinos contratados. Org. Beth Medeiros. Inf. 992123-689. V. anúncio nesta edição. EVENTOS EM OUTRAS CIDADES E ESTADOS (consulte também a programação das bandas e djs) CAMPOS DOS GOYTACAZES / RJ Bailes da Casa de Dança Beatriz Petrucci. Inf. 9-8744-688. Ligue para confirmar. NITERÓI / SÃO GONÇALO / ALCÂNTARA Ver programação por dia da semana. MARICÁ / RJ Bailes Moreira Studio de Dança. Inf. 9-87446884. Ligue para confirmar. ITABORAÍ / RJ Noites dançantes com música ao vivo no Esporte Clube Comercial de Itaboraí, todas as quintas, 19h30. Inf. 2635-2333. Ligue para confirmar. RIO DAS OSTRAS / RJ Toda quarta, bandas locais e do Rio tocando na rua Renascer da Terceira Idade, Jd. Campomar. Org. Grupo Renascer. Inf. (22) 2764-6700. Ligue para confirmar. NOVA IGUAÇU Toda sexta, baile na RioSampa. Inf.2667-4662 DUQUE DE CAXIAS Bailes da academia de dança ESCADAS. Inf. 9-9968-7622 (João Batista). Ligue para confirmar.

BELO HORIZONTE / MG Bailes às sextas, da Academia Pé de Valsa, na rua Teixeira de Freitas 478 s/01. Inf.: veja anúncio da academia, nesta edição. PROGRAMAÇÃO DAS BANDAS E DJ’S PATROCINADORES/APOIADORES: Banda Alto Astral Inf. (21) 3762-2669 / 96458-7280. V. anúncio nesta edição. Acompanhe a atualização da agenda pelo facebook. Já agendado para janeiro: (04) Recreativo Português; (05) Cl. Municipal; (06) Sítio do César; (07) Helênico + Estudantina; (08) Aspom; (13) Sargento de Cascadura; (14) evento particular; (15) Democráticos; (19) Especial Democráticos: aniv. 150 anos; (20) Aspom; (21) Cl. Flamengo de Macaé; (22) Clube dos Aliados; (27) Casa dos Poveiros; (28) Canto do Rio; (29) Aspom. Banda Estação Rio Inf. (21) 2143-8891 / 97447-2795 / 9.6434-2581 / 9.6411-0121. V. anúncio nesta edição. Banda Novos Tempos Inf. (21) 3624-9446 / 9-9727-2195 / 9-8276-3300 (Robson). V. anúncio nesta edição. Grupo Som e Vozes Inf. (21) 2757-2564 / 9.6434-3243. Todos os sábados no Clube Português da Taquara, 18h. Todos os domingos no clube Casa da Vila da Feira, na Tijuca (almoço dançante a partir das 12h). V. anúncio nesta edição. Banda Status Rio Inf. Zeca Teixeira 37934415 / 98130-9552; 7837-2144 (Janete); (21) 3762-6535 (Ilsa). Conjunto Aeroporto Inf. 2280-2356 / 99994-5580, Sr. José (*) Banda Brasil 10 Inf. (21) 2570-0336 / 99445-5131 (Fabiano Brasil)(*) Banda Brasil Show Inf.: (21) 2691-7294 / 9-9667-1814 (*) Banda Caribe Inf. (21) 2508-1315 (Antonio Carlos).(*) Banda Cassino Brasil Inf. 24270861/7819-3214* Banda Copa 7 Inf. 7894-6319(*) Banda Holiday Inf. (21) 3371-4239 / 99664-1080 (Paulo)(*) Banda Milênio Inf. Ana Pantaleão: 9.86410306 e 9.9828-9064; Larissa Pimenta: 9.69909789 e 9.7646-4857. (*) Banda Lua Nova Rio Inf. (21) 9-8666-1864 / 9-7649-9548 / 986.589.867 (Daniel). Conjunto Os Devaneios Inf. (21) 9-93654362 (Jorge) / 2762-0069 (Luiz) (*) Banda Paratodos Inf. Toninho Moreira, tels. (21) 3477-4308 / 7862-0558 id:83* 67257. V. anúncio nesta edição.(*) Banda Pérolas Inf. (21) 3178-3369 / 99956-7278 (Aldair).(*) Banda Phenix Inf. (21) 9-9390-3475 / 24824911 / 7731-2474 (Ruan Carlos)(*) Banda Resumo Inf. (21) 2462-5080 / 98289-9287 / 9-7363-9927 (Emerson Ribeiro). (*) Banda Rio Balanço Inf. (21) 3072-2500 / 99464-0953 (Washington)(*) Banda Rio Postal. Inf. (21) 3018-3087 / 97022-6025 (Cosme); 97026-9367 (Rogério). * Banda Shock Casual Inf (21) 3406-9367 / 9-8611-3154(*) Banda Sol & Mar Inf. (21) 2225-6925 / 98769-9980 (Fernando).(*) Grupo Trinidance Inf: (21) 9-9854-9827.(*) W. P. Show Inf: (21) 2596-4786 / 971225528 (Sidnei Fala Sério).(*) (*)Agenda não disponível até a data de fechamento desta edição. Telefonar para informações ou acompanhar a atualização pelo perfil das bandas no Facebook. DJ Cícero Souza Inf. (21) 98836-4492 DJ Evando Santos Inf. (21) 98812-3188 DJ Fabiano Silva Inf. (21) 7723-0745 id 645*15492 (Itaguaí). DJ Fábio Marques Inf. (21) 7804-5051 / 9.9304-6717. Dj Guisner Inf. (21) 2260-1332 / 9-97323594. Dj Pedrada Inf. (21) 9-9775-2102 DJ Renato Ritmus Inf. (21) 9-9692-1752. DJ Renatinho Inf. (21) 7866-2721 / 9-96826671 / 9-9236-6513. DJ Tom Silva Inf. (21) 98390-9550 DJ Viviane Chan Inf. tel (21) 9-9462-9322. DJ W Negrão Inf. tel (21) 9-9022-7905. _____LIGUE PARA CONFIRMAR____ Programação sujeita a alterações. Ligue antes! Informe ao promotor onde viu a dica, ajudando-nos a comprovar a utilidade desta seção. Seja um de nossos patrocinadores e tenha seu roteiro inserido aqui. Inf. (21) 2551-3334 / 99202-6073 (Claro) / 991.228.077 (Whatsapp)


www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

ANO 10 - Nº 112 JANEIRO / 2017

11

Política Cultural Nilcemar Nogueira confirmada à frente da Secretaria Municipal de Cultura do Rio

de forças. É uma vitória dos movimentos culturais de todo o Estado. Muitas pessoas se deslocaram de municípios distantes para estar aqui, reivindicando a permanência da SEC. Os deputados ficaram impressionados A comunidade da dança de salão do RJ teve com esse movimento”, declarou Eva oportunidade de conhecer a nova secretária Doris. A secretária lembrou na entrevista pessoalmente no Encontro dos associados que a SEC é fundamental para a produção e amigos da APDS/RJ (Associação dos cultural fora da capital fluminense, porém Profissionais e Dançarinos de Salão do RJ) admitiu que a crise financeira do RJ em maio do ano passado, quando Nilcemar compromete o cumprimento dos editais já lançados, pois sem caixa não há como honrar compromissos. Mas a importância da SEC vai além dos editais. O Sistema Nacional de Cultura, que prevê repasse de verbas federais para os Estados, só se comunica com estes se houver uma secretaria autônoma de Cultura. Além disso, a SEC-RJ coordena instrumentos de fomento Nilcemar Nogueira em palestra no Centro Coreográfico, para associados da APDS. importantes, como o Rio Criativo e a Lei do Incentivo à Cultura, bem proferiu palestra e discorreu sobre os como diversos equipamentos culturais. projetos sociais e de preservação da cultura Na mesma entrevista, Eva Doris citou os do samba que desenvolve à frente do Estados Unidos e os países europeus como Museu do Samba. Neta de Cartola e Dona exemplos de como a economia criativa Zica, Nilcemar é produtra e pesquisadora, tem potencial para alavancar a economia foi presidente do Museu da Imagem e do dos estados. Som e diretora de carnaval da Mangueira. --Em 2001 criou o Centro Cultural Cartola, Centro Municipal de próximo à quadra da Mangueira, hoje Referência da Música Museu do Samba, do qual é presidente. Carioca Artur da Távola ---

Mobilização dos agentes da cultura garante a permanência da Secretaria Estadual de Cultura do RJ

No início de dezembro, após intensa mobilização de artistas e produtores culturais, o governo do Estado do RJ desistiu de extinguir a secretaria estadual de Cultura. Em entrevista a O Globo, a secretária de Cultura, Eva Doris, creditou a essa mobilização o convencimento de deputados e governador. “É um somatório

com inscrições abertas para o programa Estúdio Carioca

As inscrições vão até 6 de janeiro, com sorteio dos 30 contemplados no dia 10 de janeiro. A 4ª edição do projeto, que oportuniza o registro de trabalhos musicais inéditos a artistas músicos e bandas da cidade usando o estúdio profissional daquele centro cultural, teve mais de setenta inscrições logo nos três primeiros dias da abertura do edital. Informações em https://goo.gl/IzFNRA. ---

Eleições APDS/RJ

As eleições para os cargos de diretoria da Associação dos Profissionais e Dançarinos de Salão do RJ, biênio 2017-2018, ocorreram dia 04/12 nas dependência do Club Municipal, na Tijuca, simultaneamente à Assembleia Geral Ordinária da entidade. Apurados os votos, foram eleitos: Ana Romano (presidente), Gustavo Loivos (vice-presidente), Rodriguinho Barcelos (diretor comercial), Antonio Aragão (diretor financeiro), Ana Castro (diretora social), Leonor Costa (diretora cultural), David Theodor (diretor de comunicação), João Batista (1º conselheiro fiscal), Sérgio Castro (2º conselheiro), Angela Abreu (3ª conselheira), Lucy Ribeiro (suplente do Conselho Fiscal) e Andressa Terra (2º suplente). A cobertura fotográfica das eleições, a plataforma eleitoral da chapa eleita e detalhes da festa de confraternização do dia 11/12 estão disponíveis em apdsrj.blogspot.com.br. ---

Vale Cultura garantido para 2017

A Lei Orçamentária Anual, aprovada dia 15/12 pelo Congresso, prevê os recursos necessários à renúncia de receita decorrente da prorrogação do benefício. Os recursos virão do remanejamento de valores do incentivo fiscal via Lei Rouanet. O Vale-Cultura é um benefício de R$ 50 mensais concedido pelo empregador aos trabalhadores que tenham vínculo empregatício formal com empresas que aderiram ao programa. O foco do programa são funcionários que recebem até cinco salários mínimos, para estimular o acesso à cultura aos cidadãos de baixa e média renda. O Vale-Cultura é cumulativo e pode ser utilizado em todo o território nacional, inclusive em lojas virtuais, para a aquisição de bens e produtos culturais. Ao oferecer o Vale-Cultura ao funcionário, o empregador pode usufruir de incentivos conferidos pelo Governo Federal. O valor

despendido com o benefício não constitui base de incidência de contribuição previdenciária ou do FGTS, não integra o salário de contribuição e é isento do imposto sobre a renda das pessoas físicas. Além disso, as empresas tributadas com base no lucro real poderão deduzir o valor despendido com o benefício, limitado a até 1% do imposto de renda devido. (fonte: MinC) ---

Doações a projetos culturais aprovados pela Lei Rouanet podem ser descontadas do Imposto de Renda Pessoa Física

Fica a dica para quem tem imposto de renda a pagar: pessoas físicas podem ajudar no financiamento de projetos culturais, na condição de doadores, com abatimento no IR, até 6% do valor devido ao fisco. Por exemplo, se uma pessoa recolhe mensalmente o Carnê Leão (antecipação de imposto de renda), no valor de R$ 1 mil, ela poderá destinar R$ 60,00 desse valor para incentiver algum projeto cultural cadastrado no MinC. Esse valor será deduzido na declaração de renda do ano seguinte. Ou seja, o que se pagou em um ano como dedução/patrocínio, entra na declaração do próprio ano, que é entregue em abril do ano subsequente (no caso, abril de 2017). Mesmo que a pessoa não recolha mensalmente, se ela tiver noção de quanto costuma recolher de IR, ela poderá se antecipar e recolher o percentual da dedução até dezembro do ano corrente. Os doadores incentivadores precisam apenas entrar em contato com o responsável pela captação de recursos do projeto incentivado e obter os dados da conta bancária aberta pelo MinC em nome do projeto. Feito o depósito, dentro dos procedimentos do MinC, é emitido um Recibo de Mecenato, que servirá como comprovante para o abatimento do valor. ___________ Editado por Leonor Costa

Fique por dentro Rafael Barros e Carine Morais conquistam mais um campeonato internacional de salsa

A fama internacional deslanchou em 2010, quando pela primeira vez um casal de dançarinos brasileiros tirou o primeiro lugar na maior competição mundial de salsa, o Salsa Open, de Puerto Rico. De lá pra cá, mais conquistas foram se somando e Carine e Rafael, cearenses estabelecidos em São Paulo, onde têm uma academia de dança, já contam com 8 troféus de primeiro lugar em renomadas competições. “Ganhamos agora o World Latin Dance Cup, em Miami. Esta foi a terceira vez que ganhamos nesta competição”, nos informa Carine. Carine Morais é bem conhecida da comunidade da dança carioca, por ter morado um período no Rio, onde se especializou em samba funkeado com Jimmy de Oliveira.

Acesse www.jornalfalandodedanca.com. br e clique na tag “salsa” para acessar o clipe da reportagem sobre este último campeonato, veiculada no Fantástico, dia 11/12. Acesse também, pelo mesmo link, a entrevista de 2007 concedida ao JFD, quando Carine ganhou pela primeira vez a seletiva do Salsa Open, com seu então partner Paulo Burracha. ---

Dança dos Famosos 2016 bate recorde em audiência

Carro chefe do programa Domingão do Faustão, da Tv Globo, esta 13ª edição teve a maior audiência dos últimos 6 anos, segundo o site NaTv, do portal IG. Dentre os 12 casais participantes, formados por um “famoso” e um profissional da dança, o ator Felipe Simas foi o campeão, ao lado da dançarina Carol Agnelo. Nesta

edição não houve participação de nenhum professor de dança de salão do Rio. ---

Baile Gala marca os 150 anos de fundação do Clube dos Democráticos

Fundado ainda no tempo do Brasil Império, durante o Segundo Reinado, em 1867, o Clube dos Democráticos teve participação importante na História do Brasil, sobre o que contaremos em matéria em nossa próxima edição, abrangendo o baile especial que o clube promoverá dia 19 de janeiro, uma quinta-feira, com banda Alto Astral. ---

Nova diretoria do Helênico A. C. toma posse dia 28/01

Waldo Marques e Miguel Estima

assumirão, respectivamente, os cargos de presidente e vice-presidente, em baile com a banda Paratodos. ---

88 anos de Estudantina

Na comemoração promovida no Centro Cultural Estudantina Musical, dia 10 de dezembro, o jornalista Antonio Aragão, editor do Jornal Falando de Dança e diretor da AMAragão Edições e Eventos, foi um dos homenageados, com o Troféu Gafieira Estudantina. ---

Nota de falecimento

Registramos com pesar o passamento da dançarina Sara Grifo, do grupo Tarados por Dança. ___________Editado por Leonor Costa


ANO 10 - Nº 112 JANEIRO / 2017

12

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

Circulando pelos eventos de apoiadores e patrocinadores 8

1

2

3

4

5

6

7

Iniciamos a seção com as coberturas fotográficas feitas pela amiga Angela Abreu, representante do JFD nas zonas norte e oeste. (1) Aniversário do dançarino Felipe, comemorado no Boêmios de Irajá, dia 26/11. (2) Aniversário da cantora Kátia e do tecladista Hannael, ambos da banda Novos Tempos, comemorado na Aspom, dia 27/11. (3) No baile de aniversário da amiga Angela Abreu, comemoraram também os aniversariantes Carmem, Helena, Nilson e Francisca. (4) Aniversário da dançarina Bete, comemorado na Aspom, dia 04/12. (5) Aniversário do dançarino Alexander, comemorado na Casa Elandre, dia 08/12. (6) Aniversário da dançarina Helena, comemorado na Casa Elandre, dia 08/12. (7) Renata e Robson (bd Novos Tempos) comemorando 16 anos de casamento, no Sargento de Cascadura, dia 09/12. (8) Aniversário d Elaine Crispim, comemorado no mesmo evento de 9/12.

1

2

3

4

5

(1) Ainda do acervo da amiga Angela Abreu, registro do aniversário do dançarino Antonio Carlos, comemorado no Sargento de Cascadura, dia 09/12. (2) Em registro de David Theodor, Leandro Gomes (Lê Middas) recebe certificado de chancela da APDS/RJ das mãos de Sérgio Castro (conselheiro da APDS), por sua participação nos eventos comemorativos da Semana da Dança de Salão 2016, sob chancela APDS. Seu evento, Baila Calçadão de Bangu, lançou a Semana da Dança de Salão na zona oeste, com aulão e baile com a banda Estação Rio, dia 20/11. (3) Como diretor financeiro da APDS, Antonio Aragão passa às mãos de Genilton Muniz o certificado de chancela da APDS/RJ ao seu evento Juntos e Misturados em Homenagem à Semana da Dança de Salão, baile promovido dia 23/11 no clube Mauá de São Gonçalo, dentro da grade de eventos comemorativos da SDS-2016 chancelados pela APDS. (4) No mesmo evento, equipe de dançarinos e profissionais da dança que contribuíram para a realização do evento de Genilton. (5) Genilton com os aniversariantes da noite. Fotos: Leonor Costa.

1

2

3

(1) Diretor de comunicação da APDS/RJ, David Theodor, entrega certificado da APDS ao representante do Cultura Urbana, de Curupaiti (Grande Jacarepaguá), que viabilizou espaço para as atividades gratuitas promovida pela APDS (org. David Theodor), no local, durante a Semana da Dança de Salão do RJ, de 21 a 25/11. (2) Mais diplomados, que viabilizaram o baile da SDS na quadra poliesportiva de Curupaiti. (3) Certificados pela APDS, por sua participação na SDS-2016, Denise Acquarone (Resumo Produções), Aragão (Jornal Falando de Dança), Cel. Art. Júlio Teodorico Nascimento Netto (Comandante do Museu Histórico do Exército e Forte de Copacabana), Subtenente Mosqueira (responsável pelas atividades no Auditório Santa Bárbara, no Forte de Copacabana) e David Theodor (Centro Cultural Taquara). (4) Participantes da mostra coreográfica da APDS, realizada dia 26/11, no Forte de Copacabana, marcando a Semana da Dança de Salão 2016 (produção David Theodor).

1

4

5

2

3

4

6

7

(1) Nelson Veloso com a aniversariante Myriam Linhares, no baile que ambos organizaram na Casa das Beiras, dia 26/11. (2) Banda Estação Rio, no baile comemorativo do aniversário dos 10 anos de fundação da banda, dia 27/11, na Casa Elandre, em dobradinha com o grupo Som e Vozes, que ali também comemorou o aniversário de 18 anos do grupo. (3) Sidnei Amorim (ao microfone), ladeado por Paulinho (Estação Rio) e Chico Magal (Som e Vozes), condecorando alguns dos homenageados da noite (na foto, o músico Bothe Lima, o prof. Alex Sorriso, Nelson Bezerra e João Medeiros). Na sequência, registro da segunda edição do espetáculo Brasil Compasso, realizado dia 27/11, no Teatro Raul Cortez, em Duque de Caxias. Produzido pela Escola Caxiense de Danças, com direção de seu diretor, João Batista, o espetáculo reuniu números musicais, apresentações de várias linguagens da dança e desfile de roupa e adornos de cabeça com a temática desta edição, o Centenário do Samba. O espetáculo contou com a participação de academias de dança e profissionais convidados. (4) Gustavo Loivos e Andressa Terra (Amazonas Dance) apresentaram um número de maxixe. (5) Apresentação de dança do ventre. (6) Desfile de adornos de cabeça e indumentária. (7) Uma das apresentações musicais da noite. (8) Apresentação de samba, com João Batista e Maria em primeiro plano. Houve ainda apresentações de balé, street dance, gospel dance e outros.

1

2

3 Alguns registros do concorrido baile de aniversário da amiga Angela Abreu, realizado no dia do seu aniversário, 02/12, na Aspom, com banda Novos Tempos. (1) Angela com o marido. (2) Angela com Levi Meireles, presidente da Aspom. (3) Angela com Marlene Veloso e EroSampaio. (4) Angela com diretoria da APDS, da qual faz parte como Conselheira Fiscal (Leonor, diretora cultural; Sérgio Castro, conselheiro fiscal; Aragão, diretor financeiro; Ana Romano, presidente da APDS). Na sequência, registro da fotógrafa Dani Moreira, do Baile do Branco, realizado por Leandro Gomes (dj Lê Middas) dia 02/12, na Vila Nova Music Beer, no Estácio. (5) Leandro com a esposa, Ju do Carmo, ladeando Aragão e Leonor (Jornal Falando de Dança e APDS). (6) Lê Middas com Denise Abrandes e Edu Cassé (banda Alto Astral). (7) Geraldinho dos Clubes no baile do seu aniversário, dia 03/12, no Helênico (com João, Waldo Marques, Aragão, Rosangela, Geraldinho, Gilka Campos, Reginaldo Alexandre e Deila Fátima). (8) Andressa Terra (Amazonas Dance e do conselho fiscal da APDS), no stand da APDS no baile do branco de Fabiano Brasil

4

8

5

7

6

8


www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

2 1

ANO 10 - Nº 112 JANEIRO / 2017

3

4

13

5

Registro da Festa Brasil Branco da Paz, realizada dia 03/12 na Casa da Vila da Feira, na Tijuca. (1) Fabiano Brasil, realizador, muito carismático. (2) Caravana de Niterói e São Gonçalo liderada por Parcifal. (3) Promoters Paulinho da Fusão e Erô Sampaio (evento Diva dos Bailes) com Aragão. (4) Galerinha respeitando o branco total do traje (mesmo porque os seguranças não permitiam a entrada de convidados trajando diferentemente, exceto pessoas a trabalho). (5) Felizarda que faturou cheque de R$ 700,00 no bingo. O baile foi animado pela banda Alto Astral e dj W. Negrão.

1

2

3

5

4

(1) Stand da Boutique Amazonas, no baile de Fabiano Brasil. (2) Ana Castro e Sérgio Castro recepcionando os convidados, no baile de confraternização da Casa de Dança Sérgio Castro, realizado dia 03/12 no Centro de Convivência de Vila Valqueire. (3) Diretores da APDS reunidos no baile da C. D. Sérgio Castro: Angela Abreu (conselho fiscal), Aragão (dir. financeiro), Ana Castro (dir. social), Sérgio Castro (cons. fiscal) e Leonor Costa (dir. cultural). (4) No mesmo evento, Ana Castro com convidadas: Letícia Cerqueira, Cida Rosalin, Angela Abreu, Glaucimar Cândida, Cilene Doria e Marlene Damasceno. Na sequência, Aragão posicionado, como diretor financeiro da APDS, para receber os associados à Assembleia Geral e eleições do dia 04/12, nas dependências do Club Municipal.

1

2

3

4

5

6

(1) Marlene Ribeiro fazendo pose frente ao bolo do baile do branco de Fabiano Brasil. Na sequência, Baile da Rabanada, em registro da fotógrafa Dani Moreira. (2) O realizador do baile, Leo Bumba, junto ao bolo que ofereceu aos aniversariantes do mês. (3) Leo com Aragão, Leonor e a fotógrafa Dani. (4) O anfitrião com Angela Abreu, Cristina e Levi Meireles (presidente da Aspom). (5) Leo com Dora, conselheira do Mackenzie. (6) Dois dos ganhadores dos 5 prêmios de R$ 100. O baile teve a animação da banda Alto Astral.

2

3

4

5

6

1

7

8 Domingo, dia 04/12/16, no salão do sexto andar do Club Municipal, realizou-se a Assembleia Geral Ordinária da Associação dos Profissionais e Dançarinos de Salão do RJ, APDS/RJ, tendo como um dos itens de pauta as eleições para o biênio 2017-2018. O conselheiro fiscal João Batista assumiu a presidência da mesa e Leonor Costa, diretora cultural, atuou como secretária dos trabalhos. Após conferência da urna e colocação de lacre, foi aberta a votação para os cargos da diretoria biênio 2017-2018, votação essa supervisionada pela comissão eleitoral, composta por Marlene Damasceno, Sandra Azevedo, Glaucimar Cândida, Arcilene Doria e Anderson Clayton. Enquanto a votação transcorria, foram tratados os itens dos assuntos gerais da AGO, com destaque para o debate sobre a plataforma eleitoral da Chapa Um, única chapa concorrente. Ao final da Assembleia, a urna foi aberta na frente da plenária e os votos foram contados, tendo a presidente da comissão eleitoral, Marlene Damasceno, declarado ter sido a CHAPA UM eleita por unanimidade dos votos, com nenhum voto nulo. Na ocasião, os associados adimplentes puderam pegar ingresso gratuito para a festa de confraternização da APDS, no baile do Club Municipal, dia 11/12, com orquestra Commander. Também foi ali divulgada a nova sede provisória da APDS, com funcionamento de segunda a sexta, das 10h às 18h, localizada na Rua Joaquim Silva 11 sala 408, parte, na Lapa, Centro do Rio, tel. 2232-0586.

9

Registro do Baile da Amizade do Vermelho e Branco, realizado por Vania Cortes e Parcifal, no clube Canto do Rio, em Niterói, dia 10/12, com banda Novos Tempos e dj Sandra Lopes, comemorando os aniversários do mês de dezembro, em especial o da promoter Vania Cortes. (1) Ilka Almeida, Fabiano Brasil, José Carlos, Deise Pontes, Ana Paula, Reinaldo Gonçalves e Aragão. (2) Aragão e Sandra Lopes. (3) Sirley e Roberto Miranda (presidente do Humaitá A. C.). (4) Rodney Melo, recém reeleito presidente do Canto do Rio, discursando. (5) Dançarinos do Cassino da Dança com Vania, Parcifal e amigos. (6) Gustavo Loivos e Andressa Terra (Amazonas Dance e APDS), com Parcifal, novo associado da APDS. (7) Profissionais presentes. (8) Vilma e João. (9) Stand Amazonas.


14

ANO 10 - Nº 112 JANEIRO / 2017

www.jornalfalandodedanca.com.br ISSN 2237-468X

Circulando especial

Expediente

Artistas, dançarinos e profissionais da dança lotam baile da Estudantina Dia 10/12/16 o Centro Cultural Estudantina Musical, dirigido por Isidro Page, caprichou no seu baile regular dos sábados, para marcar os 88 anos da Gafieira Estudantina. O evento foi destaque de capa da edição de dezembro do Jornal Falando de Dança. Lindo ver o público prestigiando nossa última gafieira ainda em atividade. E quem foi teve bons motivos pra gostar: presença de artistas e dançarinos profissionais (com apresentações), excelente música para dançar com a banda Alto Astral, djs Jorginho e Nelsinho, bolo, champagne e destaques do segmento artístico e do segmento da dança de salão, homenageados com o Troféu Estudantina. Dentre os homenageados estavam Antonio Aragão, editor do Jornal Falando de Dança, Verinha Reis, Gyleno (grupo Nó da Dança), Serginho da Estudantina, jornalista Denise Correa, cantora Sandra Serrado, Rodrigo Marques, Patrick Carvalho, Atila Amaral e o dançarino Mário. Destaque para a presença da novelista Gloria Perez, madrinha da Estudantina, acompanhada da atriz Zezé Polassa. E para quem pegou este exemplar na última semana de dezembro, uma dica imperdível: baile de lançamento do evento Gafieira Brasil 2017, dia 1º de janeiro, 20h, na Estudantina, com o sorteio das equipes da competição. Saiba mais: >>> Para ver os álbuns fotográficos das coberturas do Jornal Falando de Dança, acesse o perfil do JFD no Facebook e clique no link “fotos”. >>> Para ver postagens sobre a Estudantina e conhecer um pouco da sua história, acesse www.jornalfalandodedanca.com.br e procure a tag “Estudantina”. >>> Procure também a tag “Sociedades Dançantes” e assista à palestra do historiador Felipe Berocan, sobre a gafieira Estudantina e a boemia em torno da Praça Tiradentes.

ANO NOVO, NOVOS PROJETOS, MUITOS BAILES. ANUNCIE CONOSCO! CAPTAÇÃO PARA A EDIÇÃO DE FEVEREIRO: ATÉ 16 DE JANEIRO INFORMAÇÕES: (21) 99202-6073

Diretores-fundadores: Anderson G. de Aragão, Antônio Aragão e Leonor Costa Editores: Antônio Aragão e Leonor Costa Editoração: Leonor Costa Conselho Editorial: Antônio Aragão, Angela Abreu e Leonor Costa Jornalista Responsável: Antônio Martins de Aragão Registro nº 031.433 / MTPS/RJ Jurídico: Edil Murilo (OAB-RJ 52.925) Fotografia: Angela Abreu, Antônio Aragão e Leonor Costa Fax/gravação de recados: (21) 2535-2377 Atendimento pessoal: (21) 2551-3334 / (21) 9-9492-9462 (Claro) / 9-9202-6073 (Claro) / 9-91228077 (Claro / Whatsapp) Email: contato@jornalfalandodedanca.com.br Página na Internet: www.jornalfalandodedanca.com.br Facebook: www.facebook.com/ jornalfalandodedanca Escritório: Rua Joaquim Silva 11 sala 408 - Lapa - Rio de Janeiro - RJ - Cep: 20241-110 Fechamento da edição: dia 15 do mês anterior ao mês de capa Distribuição: a partir do dia 1º do mês de capa Pontos de distribuição: Eventos dançantes da cidade (v. roteiro de bailes), escolas de dança e equipamentos culturais diversos Outros pontos de distribuição do Jornal Falando de Dança (telefone antes para certificar-se de que a edição não se esgotou): 8Capézio - Centro de Nova Iguaçu tel. (21) 2767-0055 8Capézio, Copacabana, RJ tel. (21) 2235-5503 8Capézio, Flamengo, RJ tel. (21) 2554-8554 8Sapataria Roma, Lapa, RJ tel. 2510-2121 - Rua Joaquim Silva, 15 8Amazonas Dance, Centro de Niterói tel.2613-3276 - Rua Visconde de Itaboraí nº 365, sobrado 8Parcifal, São Gonçalo tel. 9-6437-7505 8Maricá, região litorânea do ERJ Moreira Studio de Dança, tel. 9-87446884 Assinatura: R$ 60,00 - 12 exemplares/ano (1/mês) Edições atrasadas: R$ 5,00 por exemplar, a ser retirado no escritório do JFD, na Lapa, RJ As matérias assinadas são de responsabilidade de seus respectivos autores, colaboradores deste informativo. As informações divulgadas nos anúncios publicitários são de responsabilidade dos anunciantes. Proibida reprodução de artes e matérias sem autorização expressa deste informativo, sob penas da lei. Amaragão Edições de Periódicos, Produção de Eventos e de Dança Ltd ME CNPJ 12.071.075/0001-42 Jornal Falando de Dança Fundação Biblioteca Nacional Reg.nº 487.274, Liv. 920, Folha 270 ISSN 2237-468X Distribuição interna, gratuita e dirigida. Tiragem: 10 mil exemplares Impressão: Gráfica Aretê editorial S/A CNPJ 00.355.188/0001-90


Banda

Contatos:

(21) 2143-8891 | 97447-2795 96434-2581 | 96411-0121 vicente.roberto@oi.com.br estacaoriobanda@gmail.com

ALTO ASTRAL

VISITE NOSSO SITE! www.estacaoriobanda.wix.com/estacaorio

(21) 3762-2669 | 9.6458-7280

Denise Abrantes

Banda

Contatos: Ilza - 3762-6535 3063-0077 9.6550-7118 Janete - 2791-1231 7837-2144

CONTATOS

ROBSON CRISPIM

Books Eventos em geral 99477-1403

(21) 3624-9446 9-9727-2195 / 9-8276-3300

Programa radiofônico Saudades de Além Mar

Sábados 10 às 11h

Produção e apresentação Sérgio Viana e Pedro Paulo

CULTURA - MÚSICA - FOLCLORE - CURIOSIDADES - PRÊMIOS Escute pela internet: www.metropolitana1090.com.br

daniellafrazao@gmail.com

Av. Presidente Vargas, 583 Salas 2206/2207 CEP: 20071-003 Centro | Rio de Janeiro tel. (21) 2224-5913 2531-7541 9 8478-1944

PA T

I R A

MA O AR

C ONSERTOS

EXECUTA-SE QUALQUER CONSERTO QUE FAZ PARTE DA ARTE COM A MÁXIMA PERFEIÇÃO RUA JOAQUIM SILVA, 15 - LAPA TEL. 2510-2121

JMCOM

www.capezio.com.br

contato@spdrj.com.br

SA

$& ¸$! &z”

&

S

ANJO R R

A

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 15 - ed. 112 - JANEIRO / 2017 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334

Status Rio

CIA

CONHEÇA A LINHA COMPLETA NO SITE

TAMBÉM À VENDA NAS LOJAS CAPÉZIO DE TODO O BRASIL

PRONTA ENTREGA PELO SITE www.arranjosecia.com/loja

Elaboramos peças exclusivas, consulte-nos: (11) 2331-6633 / 9.9529-0273

%FVTÏåFM


DANCE IN MAR II DOM 08 JAN 2017 O melhor passeio náutico: você vai se encantar! Animação - sorteios - dança!

DJ

Dançarinos de apoio

- Frutas Liberadas - Almoço Incluso - Bebidas a preços justos

Viviane Chan

DJ Reinaldo Silva

Passeio na baía da Guanabara

PASSEIO SOB MEDIDA PRA QUEM GOSTA DE DANÇAR !!!

Embarques: Marina da Glória 9h (Rio) e Bay Market 10h (Niterói)

R$

Realização

D

ance in Mar

II

BAIA de GUANABARA

130,00

Apoio

Plantando Sonhos e Colhendo Amigos

* vagas limitadas * reserve já o seu lugar

3681.4760

98284.7170

99496.8448

99994.4589

www.semeartur.com.br 97529.8270

PARATODOS DA PAVUNA

R. Comendador Guerra, 84 - Pavuna - tel. 2474-1960 - Adm.: Waldir Marques

ANIVERSÁRIO DE 50 ANOS DO

CONJUNTO OS DEVANEIOS

QUINTA - 19 JAN - 19H (VÉSPERA DE FERIADO) Realização

INGRESSO ANTECIPADO R$ 15,00 - MESA R$ 10,00 CONVITES NO CLUBE OU COM: GERALDINHO DOS CLUBES (21) 2527-2300 / 988-740-012 ROSANGELA 993.992.235 SANDRINHA 964.568.408

Apoio

SUPORTE PARA BANNERS À VENDA

Altura 1,80m - largura 1,00m - quadro de fixação 1,00x1,40m Retirar no Rio Comprido - Inf. (21) 992-026-073

amazonas.dance

PONTO DE ADESÃO EM NITERÓI: ASSOCIE-SE AQUI CONOSCO!

DANÇAS DE SALÃO AULAS | COREOGRAFIAS CONTRATOS PARA BAILES

Neste Carnaval, desfile com nossos calçados! Veja a diversidade de modelos e cores no face da Amazonas Dance. E na compra de qualquer par de calçado você ganha este exclusivo porta sapato/bag

PREPARE-SE PARA O

BAILE no Horto

DO FONSECA

DOM

22

JAN

AULAS EM JANEIRO DE SAMBA NO PÉ terças às 20h30 ou sábados às 11h INTENSIVÃO EM 5 AULAS DESCONTOS DE ATÉ 20% PARA ASSOCIADOS: Gustavo Loivos diretor da Amazonas Dance e Amazonas Boutique vice-presidente da APDS/RJ

AGORA TEMOS MOTOBOY Entrega em até 48 horas Consulte o valor do frete

11 ÀS 14H

GRÁTIS Apoio Cultural:

Inf.2613-3276 / 9-9307-2736 RUA VISCONDE DE ITABORAÍ 365 Centro - Niterói - RJ

(esquina com R. Marechal Deodoro)

site: www.amazonasdance.wix.com/escoladedanca

Parte integrante do Jornal Falando de Dança - pág. 16 - ed. 112 - JANEIRO / 2017 - Para anunciar aqui, ligue (21) 9-9202-6073 / 2551-3334

Tudo isso por apenas

JFD 112  

Jornal Falando de Dança, edição 112, janeiro/2017

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you