Page 1

O jornal de comunidade luso-venezuelana - Caracas, 02 a 08 de Dezembro 2010

Mérida espera nomeação de cônsul honorário Segundo a Gazeta Oficial da Venezuela número 39 472, o Ministério das Relações Exteriores já deu o seu consentimento para a criação de um Consulado Honorário de Portugal na cidade de Mérida. Só falta a nomeação de Lisboa. | p.04

Depósito legal: 199901df222 - Publicação Semanal ano 10 - N.º 386 | Venezuela: Bs.F. 3,00 - Portugal: Euros 1,50

Chuvas retêm Venezuela em estado de alerta

Mulheres lusovenezuelanas unidas por fines benéficos | p. 06,08 Esppor não desiste da liderança

O Governo decretou o estado de emergência nos estados de Falcón, Miranda, Vargas e no Distrito Capital. À hora do fecho desta edição, cerca de 72 mil pessoas tinham sido afectadas pelas fortes chuvas e suas consequências. As autoridades estão preocupadas em salvar vidas mas também em conseguir um rápido regresso à normalidade | p. 03 Os ‘merengues’ vão disputar um encontro renhido no próximo domingo contra o seu rival mais próximo, o Deportivo Táchira. | p.29

Pessoa marcou 25. Aniversário do IPC | p.32 pub

CP escolhe novo presidente

Os accionistas deste centro social da capital vão eleger o próximo líder a assumir rédeas da instituição para o período 2010-2011. Serão umas eleições históricas, com três candidaturas empenhadas no futuro do clube | p.04


2 editorial

correio de venezuela • 02 a 08 de dezembro de 2010

a semana

Continuar a crescer

O Centro Português, em Caracas, assumese, desde há várias décadas, como o mais emblemático e importante da diáspora portuguesa que se estende pelos quatro cantos do mundo. No caso da Venezuela, a história do “CP”, como é conhecido pelos seus sócios, tem sido, desde o seu nascimento, há 50 anos, uma fonte de inspiração para tudo o que de bom e positivo se tem feito ao nível do associativismo. Neste capítulo, vale a pena destacar as obras que esta instituição tem promovido, ano após ano, em prol da solidariedade, através de incontáveis iniciativas de beneficência. Entre muitos exemplos, que não podem aqui ser descritos por falta de espaço, falamos da “inspiração” dada para a construção de um lar da terceira idade, para a casa das damas de beneficência e para construção da igreja da Missão Católica Portuguesa. Talvez os sócios mais novos desconheçam a história e a importância deste Centro. Mas para os mais esquecidos ou desconhecedores, vale apenas lembrar que numerosas personalidades da vida política, social, cultural e desportiva de Portugal, ao visitarem a Venezuela, nos últimos 50 anos, passaram ou visitaram “CP”. Não se tratou de um simples cumprimento de uma agenda. Visitar e conhecer o CP é um acto fundamental para quem quer avaliar a grande obra dos portugueses na Venezuela. Assegurar a continuidade do trabalho que foi feito até aqui e projectar novas obras é o que se pede aos candidatos actuais, e futuros, que aspiram tomar as rédeas do mais importante e emblemático Centro Português da diáspora portuguesa. Mas engane-se quem pensa que esta árdua missão fica apenas a cargo das juntas directivas. Os sócios também devem ter consciência que o futuro não se constrói sem os seus contributos, pois o crescimento e o desenvolvimento, seja a que nível for, não se alcança por obra de um grupo mas com a intervenção de todos. Sentido de responsabilidade é pedido a todos, mas é exigido a dobrar a quem venha a ser presidente do CP e a quem integre a sua equipa de trabalho. Já a união de todos na luta pelos interesses do clube só pode ser feita a triplicar…

PUB

Muito Bom

Bom

Mau

Muito Mau

Numa quadra como esta, em que se apela à solidariedade e ajuda ao próximo, não podemos deixar de lembrar o trabalho que vem sendo feito pelas Damas de Beneficência, de Caracas e Maracay, Netas do Lar, academias da Espetada e do Bacalhau, e de todos os grupos que se dedicam à nobre causa de ajudar os outros em troca de nada. Estas iniciativas, que durante muito tempo foram alimentadas pelos contributos da comunidade, contam agora com o apoio diplomático. Aqui fica este reconhecimento.

Mais uma iniciativa das autoridades portuguesas que vem ajudar a melhorar a vida da comunidade, através da criação de um consulado no Estado de Mérida. Embora saibamos que, desde há vários anos a esta parte, um grupo reduzido de pessoas vinha trabalhando incansavelmente para ajudar a tramitar todo o tipo de documentação consular, não podemos deixar de salientar a oportunidade desta medida e elogiar quem tomou tal decisão.

As diferenças existentes entre os sócios do Centro Português de Acarigua são cada vez mais visíveis e em nada contribuem para o bem-estar daqueles que querem viver sem confusões e que não gostam de rivalidades. A aposta deve sempre ser feita no associativismo, no clube como um todo, e nas raízes e tradições; sejam estas oriundas de um qualquer lugar de Portugal ou de uma localidade da Venezuela. O bom senso tem de prevalecer sobre o divisionismo.

Não compreendemos a atitude de alguns sócios do Centro Português, em Caracas, por insistirem em não apoiar a ampliação das áreas do clube. Mas pior do que não apoiar esta iniciativa, que em muito engrandece a nossa presença nesta terra, é tentar “sabotar” o trabalho de quem, independentemente dos seus defeitos ou virtudes, tenciona construir uma obra de sonho; e numa altura ainda marcada por tempos difíceis, como sempre foram na história contemporânea da Venezuela.

FOTOFLASH

Anaclet Teixeira, no âmbito da sua participação na edição deste ano das ‘100 Maiores e Melhores’, que teve lugar na Madeira, lembrou que a Venezuela sempre foi pouco inovadora na área alimentar, muito por culpa das riquezas naturais, pois nunca se preocupou em produzir e mais em importar o que consumia. “O verdadeiro petróleo é aquele que semeamos na nossa terra”, lembra. “Acredito que os emigrantes portugueses devem investir em Portugal, na Madeira, principalmente nesta hora de dificuldades”. O ‘Rei David’ é uma marca de renome, mas o maior trunfo é ter “sempre um sorriso na face”. É o representante da Ferrero Rocher na região e fornecedor da Presidência Venezuelana. O convite feito pelo DIÁRIO mostra que este jornal mantém o desígnio de reconhecer o trabalho dos emigrantes que deixaram a Madeira e Portugal.


actual

02 A 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

3

ACTUALIDADE I Autoridades empenhadas na recuperação

Chuvadas põem país em estado de emergência Shary Do Patrocinio Carla Salcedo

Cerca de 72 mil pessoas foram afectadas, até ao momento, na sequência das fortes chuvas registadas no país, segundo indicou o Ministro de Interior e Justiça, Tareck El Aissami. Este número representa cerca de 15 mil famílias afectadas, situação que obrigou o Governo Nacional a decretar o estado de emergência nos Estados de Falcón, Miranda, Vargas e Distrito Capital.

Vias afectadas Quanto às estradas estão interrompidas, o vice-presidente da República, Elías Jaua, indicou que o seu número ascende a 112. Para devolver a normalidade nestas vias, “já foram empenhadas mais de 220 máquinas destacadas pelo governo, com a colaboração de empresas privadas", observou. Por seu turno, o ministro dos Transportes e Comunicações, Francisco Garcés, assegurou que muitas das interrupções nas vias já foram resolvidas, embora subsistam danos nas nestas infra-estrutura, como faltas de rails, quedas de pontes e deslizamentos de terras. Centro de acolhimento Jagua explicou ainda que foram preparados 319 centros de acolhimento entre os principais estados, e outros 164 através dos quais já foram distribuídos 1.132 toneladas de alimentos e 2.800 artigos como colchões, roupa e produtos de limpeza.

Esclarecimento

Pessoal empenhado Segundo o vice-presidente, até ao momento já foram empenhados 4.573 efectivos das Forças Armadas, com o apoio de 3.331 milicianos e 3.657 elementos dos corpos de bombeiros, Protecção Civil e voluntariado nacional. Aulas suspensas Por ordem governamental foram suspensas, até segundafeira, 6, as aulas em todos os estabelecimentos públicos e privadas com o fim de se evitar um maior fluxo de pessoas nas ruas. Voos desviados Algumas companhias aéreas foram obrigadas a desviar voos para destinos alternativos em consequência das condições meteorológicas. A recomendação, para evitar contratempos, é que os passageiros entre em contacto com a companhia aérea para ficarem a saber em

Cerca de 72 mil pessoas foram afectadas

emergência: (0212) 5454545 5457765, 0800-CAPITAL y 0800-LLUVIAS primeira mão qual o plano de contingência a aplicar em caso de emergência.

Apelo à população Elías Jaua aproveitou os meios de comunicação para lançar um apelo à população no sentido de serem acatadas instruções dos corpos de segurança, sobretudo se as pessoas estão em áreas consideradas de

Derrocadamatacasal

Maria da Mata, 48 anos, natural da Freguesia de Gaula, ilha da Madeira, morreu no passado sábado, 27, juntamente com o seu marido venezuelano, 40, quando uma derrocada se abateu sobre a sua casa, situada no bairro El Limón, perto da de Carretera Vieja, La Guaira, Caracas. O aluimento de terras e pedras derrubou a parede do

quarto onde o casal dormia, soterrando ambos. As duas filhas da vítima, o neto e o genro, escaparam ilesos, segundo informações obtidas pelo DIÁRIO junto do jornal El Universal. O casal terá tido morte imediata, dada a quantidade de material que irrompeu pela divisão onde descansavam. Eram cerca das 7h00. A casa, que susteve elevados

Centros de acolhimento: Centro Português, em Caracas Centro Marítimo de Venezuela Sedes do INTI a nível nacional Guarnições a nível nacional Estações de Bombeiros Colégio de Engenheiros Colégio de Advogados de El Paraíso Módulo PoliBaruta Sedes de partidos políticos da Mesa da Unidade a nível nacional Centros de estudantes da UCAB, UCV, Unimet, USM e USB Mercado Municipal de Chacao Automercados Plaza de El Cafetal

alto risco. Sublinhou ainda que este não é o momento para que alguém queira aproveitar-se de de uma situação de calamidade em proveito próprio.

danos materiais, está situada numa zona montanhosa, sendo necessário subir 230 degraus para lá chegar. A restante família - as filhas Sandra da Mata e Jenifer da Mata e o marido David Caruc Portillo mais o filho, vão ser realojados, pelo menos temporariamente, na casa de tios, também madeirenses, que vivem em Los Teques.•

Empresários debaixo das águas Em Guatire, uma das pessoas afectadas foi Antonino da Costa Alves, empresário dono de um complexo de processamento de alimentos que ficou debaixo das águas, o que causou prejuízos singificativos em maquinas e danos irreparáveis em outras. Na urbanização de Santa Inés de Caracas, a ruptura de uma tubagem de água, fruto da pressão sobre a terra das fortes precipitações, provocou a inundação do Centro Comercial Santa Inés, propriedade de um madeirense, além de danos em outros quatro comércios, três de eles também pertencentes a portugueses.•

Na sequência de um pedido de esclarecimento assinado pela Sra. Elizabeth De Freitas, fundadora do Grupo Filhos de Portugueses Nascidos na Venezuela, criado no âmbito da rede social ‘Facebook’, o CORREIO vem por este meio esclarecer o seguinte: - Entre os dias 19 e 21 de Novembro, decorreu o I Encontro de Jovens Luso Descendentes da Venezuela, tendo este evento sido organizado pela Embaixada de Portugal em Caracas, Consulados Gerais de Caracas e de Valência, Associação de Jovens Luso Descendentes e o Grupo Filhos de Portugueses Nascidos na Venezuela; sendo que este último parceiro/organizador do referido Encontro esteve representado por uma comitiva integrada pela Sra. Elizabeth De Freitas, pelo Sr. Victor De Freitas, Sra. Fátima Pinto, Sr. Gustavo Gonçalves e Sr. José Gregório Gomes.


4 venezuela

correio de venezuela • 02 a 08 de dezembro de 2010

COMUNIDADE|Domingo 5 de Dezembro em Caracas

CP prepara o futuro em eleições históricas Três listas aspiram a dirigir o clube nos próximos dois anos Sergio Ferreira Soares sergioferreirasoares@gmail.com

O Centro Português de Caracas, na zona Leste da cidade, vai a eleições já este dia 5 de Dezembro. Pela primeira vez na história deste clube, fundado em 1958, a Comissão Eleitoral recebeu a inscrição de três listas que disputarão a junta directiva, mesa de assembleia e conselho fiscal. O sufrágio é directo e secreto, e decorre no Centro entre as oito a manhã e as oito da noite. O escrutínio terá início logo após o encerramento da votação, para posteriormente proclamar os vencedores. O

acto de tomada de posse dos eleitos decorre a 12 de Dezembro, domingo, perante a Comissão Eleitoral e os accionistas.

As listas Os accionistas do clube luso ficaram surpresos perante a notícia da existência de três listas. Sob o slogan ‘Tu mejor opción’, (‘A sua melhor opção’) Fernando Campos lidera a lista número 1. ‘La Unión es tu mejor decisión’ (‘A união é a sua melhor decisão’) é a frase escolhida pela lista número 2, liderada por Renato Amaral. Finalmente, Francisco de Almeida Garrett lidera a lista número 3, sob o lema ‘Gerencia y Vocación de Servicio no Centro Portugués’ (‘Gestão e Vocação de Serviço no Centro Português’).•

Antigos presidentes 1959 - 1963: Daniel Morais (4 períodos consecutivos) 1963 - 1964: Rodolfo Santos (1 período) 1964 - 1966: Casimiro de Oliveira (4 períodos consecutivos) 1966 - 1967: António dos Santos Araújo (1 período) 1967 - 1969: Carlos da Rocha Mendes (3 períodos consecutivos) 1969 - 1978: Daniel Morais (9 períodos consecutivos) 1978 - 1983: Fernando Ludgero da Silva (5 períodos consecutivos) 1983 - 1984: Daniel Morais (1 período) 1984 - 1986: Humberto Ferreira (2 períodos consecutivos) 1986 - 1988: Manuel da Silva Medeiros (2 períodos consecutivos) 1988 - 1991: Armindo dos Santos Nogueira (3 períodos consecutivos) 1991 - 1993: José Romão Pestana (2 períodos consecutivos) 1993 - 1994: Bernardo Pereira (1 período) 1994 - 1996: Cândido Correia de Andrade (2 períodos consecutivos) 1996 - 1998: José Luís Ferreira (2 períodos consecutivos) 1998 - 2000: José Egídio Monteiro (2 períodos consecutivos) 2000 - 2002: António Alves Pereira (2 períodos consecutivos) 2002 - 2004: Mário Pereira Francisco (2 períodos consecutivos) 2004 - 2006: Manuel André Gonçalves Pita (2 períodos consecutivos) 2006 - 2008: João da Silva Gonçalves (2 períodos consecutivos) 2008 - 2010: António Gouveia (2 períodos consecutivos)

Já começou a II Grande Rifa organizada pela Associação Amigos da Virgem de Fátima, que tem por objectivo recolher fundos para a continuação da construção da réplica do Santuário de Nossa Senhora em Los Altos Mirandinos. Estão em causa prémios como dois automóveis Che-

vrolet Modelo Aveo, ano 2010, duas motas marca Keeway, duas passagens aéreas para a Madeira, dois televisores de 21 polegadas, um Blackberry, nove telemóveis, entre outros. O sorteio está marcado para 30 de Janeiro de 2011 no terreno. O valor de cada rifa é de BsF 20 e podem ser compradas nos escritórios da Associação no centro comercial Super Líder, na auto-estrada Pan-americana.•

A comunidade portuguesa que vive no estado Mérida está à espera da designação do novo cônsul honorário, que terá a seu cargo as funções

normais de ajuda aos lusos. Conforme estipulado na Gazeta Oficial da República Bolivariana da Venezuela número 39.472, publicada a 23 de Julho deste ano, “o Ministério do Poder Popular para as Relações Exteriores

2.- Viagem a Margarita Bilhete vencedor Nº: 0112 Rosa de Castro C.I Nº ------------3.- Prenda de Ouro Bilhete vencedor Nº: 0447 Ana Gonçalves C.I. Nº 6.290.658

5.- Manto de bordado Madeira Bilhete vencedor Nº: 1772 Celina Dinis C.I Nº 12.055.061 6.- Adorno de porcelana Bilhete vencedor Nº: 0163 António Rodrigues C.I Nº 11.310.800 7.- Caixa de Vinho do Porto Gilbert Bilhete vencedor Nº: 1588 Ricardo Vieira C.I Nº 10.501.408

O sorteio está marcado para 30 de Janeiro de 2011

Comunidade de Mérida espera nomeação de cônsul honorário Shary do Patrocinio shary.correio@gmail.com

1.- Viagem a Portugal Bilhete vencedor Nº: 0050 Joaquim Carvalho da Rocha C.I Nº 6.207.208

4.- Quadro de Óleo Bilhete vencedor Nº: 1357 Carlos da Costa C.I.Nº 10.829.469

Sorteio de rifas recolhe fundos para réplica do Santuário CORREIO da Venezuela correio.prensa@gmail.com

Vencedores da Grande Rifa Anual em benefício do Lar Padre Joaquim Ferreira, cujo sorteio foi realizado a 28 de Novembro de 2010

dá o consentimento para o estabelecimento de um Consulado Honorário da República Portuguesa na cidade de Mérida”. O governo português não fez nenhuma nomeação oficial para a pessoa que as-

sumirá a representação consular da zona. No entanto, será dada a conhecer nos primeiros meses de 2011, esperando-se, assim, o cumprimento das formalidades diplomáticas que se aplicam nestes casos.•

8.-Garrafa de Vinho Madeira Bilhete vencedor Nº: 0162 António Rodrigues C.I Nº 11.310.800 NOTA: Os vencedores que não indicaram no talão de prémio o número da Cédula deverão apresentar juntamente com o Bilhete para receber o prémio. Sociedade de Beneficência de Damas Portuguesas Tlf.: 0212-2562239


comunidade

02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

5

CLUBE|Comemoração do 32.º aniversário

Comerciante morto com tiro de espingarda

Os sócios do clube comemoram a data, desde 2003, com a imposição do reconhecimento

Carla Salcedo Leal csalcedo.correio@gmail.com

CSM Valencia entregou Ordem João Gonçalves Zarco Carlos Balaguera Diversas personalidades da comunidade luso-venezuelana receberam a Ordem João Gonçalves Zarco, no primeiro, segundo e terceiro graus, no âmbito da comemoração do 32.º aniversário do Centro Social Madeirense (CSM) de Valência, uma distinção como forma de reconhecimento aos méritos dos distinguidos. Para além daquela ordem, foi ainda entregue uma placa a empresas que têm contribuído, ao longo do tempo, para o crescimento do clube. A sessão de entrega teve início com a interpretação dos hinos da Venezuela e de Portugal, com as vozes da Coral do CSM. A Ordem João Gonçalves Zarco no primeiro grau foi entregue ao cônsul

geral de Portugal em Valência, António José Chrystêllo Tavares, ao presidente do Geriátrico de Maracay, Nelson Coelho, e ainda a José Rocha, pela sua dedicação ao desporto durante 30 anos. O orador foi António Chrystêllo Tavares, que ressaltou, no discurso, a importância do Centro Social para a comunidade portuguesa de origem madeirense. “É um símbolo, estar aqui convosco é estar na minha própria casa, hoje posso expressar que estou aqui para prestar serviço e não para fazer turismo, assim como os nossos funcionários consulares”, disse. Por seu turno, o chanceler da Ordem e secretário-geral, Sidónio Pestana Pereira, felicitou todos os que receberam a comenda, criada em 2003 pelo presidente naquela altura, João Paulo Romão da Vera Cruz, e enalteceu todos os que trabalharam durante 32 anos para fazer crescer o centro social. A imposição da Ordem tornou-se, desde aquele ano, uma forma de come-

Importantes figuras foram homenageadas

morar o aniversário. O presidente do clube, Guido Pestana, recordou ainda o primeiro secretário de finanças, que ao longo de 31 anos esteve sempre presente em tudo o que diz respeito ao CSM, e entregou à esposa e filhos uma placa de reconhecimento.•

Um comerciante português foi morto a tiro durante um assalto ao tentar salvar a filha. Silvino Manuel de Jesus Alves encontrava-se na casa da sua filha, em San Félix, Bolívar, quando se deu de conta que desconhecidos tentavam entrar na casa a fim de assaltá-la. Tudo aconteceu a 27 de Novembro. Sem pensar duas vezes, o comerciante natural de Portugal Continental, tirou a arma que tinha com ele para defender a jovem e levou um tiro de espingarda, que lhe tirou a vida. Os criminosos fugiram, tirando a arma à vítima, que entra assim na contagem de cidadãos assassinados devido a assaltos este ano na localidade, que conta já com 38 vítimas. Manuel de Jesus Alves tinha 60 anos e era proprietário de uma conhecida padaria e loja de bebidas na região. As autoridades estão a investigar o paradeiro dos autores do crime.• PUB


6 VENEZUELA

correio de venezuela • 02 A 08 dE dezmebro de 2010

EVENTOS|Acompanhadas por mais de 450 pessoas

Netas do Lar promovem rumba para ajudar idosos A festa reuniu mais de 92 mil Bs. para o Lar Padre Joaquim Ferreira Sergio Ferreira Soares sergioferreirasoares@gmail.com

A sala Windsor do Salão de Banquetes Gales, no Centro Ciudad Comercial Tamanaco, vestiu-se de gala para receber mais de 450 pessoas, que acompanharam as Netas do Lar Padre Joaquim Ferreira naquela que foi a segunda rumba de amigos (‘Rumba Nietas’), no passado dia 26 de Novembro. Marilu de Andrade, uma das porta-vozes do grupo, esPUB

tendeu o seu agradecimento a todos os participantes pela contribuição com o seu grão de areia nos 92 mil 820 bolívares arrecadados, valor que lhes permitirá continuar as doações ao lar de Los Anaucos. “A primeira rumba foi ideia de um grupo de sonhadores que queria um local para reunir a nossa geração, destinando os fundos conseguidos para os nossos idosos. Essa rumba, deixou todos com vontade de repetir. Por isso fizemos a segunda, que nos permitirá continuar com o nosso trabalho de beneficência em 2011”, explicou Marilu de Andrade. As Netas do Lar Padre Joa-

Mais de 450 pessoas acompanharam as Netas do Lar na segunda rumba de amigos

quim Ferreira começaram com um grupo de cerca de sete mulheres, mas a pouco e pouco foram surgindo mais colaboradoras. “Actualmente são 27 as netas que viajam até Los Anaucos para proporcionar tardes diferentes aos idosos que vivem no lar. A ideia é fazer-lhes companhia e partilhar alegria, com merendas, prendas e donativos. Convivemos com eles tardes de Natal, Reis, Carnaval, Dia do Pai e da Mãe, Páscoa, Halloween. E temos levado reis magos, palhaços, grupos folclóricos. Não menos importan-

tes são os nossos donativos, de acordo com as necessidades do lar: Colchões, mantas, babetes, etc. Para além disso, cada neta paga uma quota mensal que nos permite continuar o nosso trabalho”, disse a porta-voz do grupo de beneficência. Marilu de Andrade disse ainda haver muitas pessoas que lhes pedem que as rumbas sejam organizadas com mais frequência, mas as netas preferem fazê-lo uma vez por ano para não ‘afogar’ a comunidade com tantas iniciativas. Acrescentou ainda que a festa

está aberta a todos quantos queiram participar. “Não excluímos ninguém. Trata-se de fazer uma festa com um fim. O ambiente é agradável e todos convivemos felizes pelo que foi conseguido.” Para Marilu de Andrade, ser neta do Lar Padre Joaquim Ferreira é motivo de alegria. “Não temos junta directiva. Todas as netas trabalham por isso, para que seja um grande êxito. Esta experiência tem sido, para todas, uma grande alegria. (…) É por isso que devemos continuar a trabalhar”.•


venezuela

02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

ACTUAL I Permissão até às 11 da noite

Centros comerciais com horário de Natal A Corpoelec levantou a restrição

De acordo com a Gazeta Oficial publicada no dia 29 de Novembro, segunda-feira, o regulamento que dita os horários do uso da electricidade nos centros comerciais foi suspenso, regulamento que tinha sido estabelecido o 21 de Dezembro do ano passado. Agora os centros comerciais de todo o país estão abertos, desde 1 de Dezembro, até às 11 da noite, com a aplicação de um horário especial de Natal. A notícia foi avançada logo que a Corporação Eléctrica

Movistar desliga 7 mil BlackBerrys roubados Carla Salcedo Leal csalcedo.correio@gmail.com

Shary do Patrocinio shary.correio@gmail.com

Nacional (Corpoelec) levantou a restrição de horários dos centros comerciais, que eram obrigados a fechar portas às 9 da noite devido à crise eléctrica. “Devido a um apelo da Câmara Venezuelana de Centros Comerciais (Cavececo), o Ministério de Energia Eléctrica (liderado por Alí Rodríguez

Araque) tomou a decisão de levantar a restrição horária”, segundo o Comissionado de Distribuição da Corpoelec, Joaquín Osorio. O documento assinala que os centros comerciais que não fizeram planos de poupança eléctrica, um requisito obrigatório, terão até dia 15 de Dezembro para fazê-lo. •

7

O presidente da Movistar Venezuela, Juan Abellán, informou, via Twitter, a suspensão do serviço de quase 7 mil telefones inteligentes, marca Blackberry, que foram reportados à empresa como furtados nos últimos meses. Através da rede social, Abellán deu a conhecer os alarmantes números de furtos destes aparelhos, ligados à Movistar, e que oscilam entre as 2 e as 5 mil unidades, mensalmente, sem contar os casos que não são denunciados à empresa.

Novas medidas Ainda que a partir do mo-

mento em que uma pessoa adquire um BlackBerry, tem acesso ao seu código IMEI (International Mobile Equipment Identity) com o qual a empresa RIM desliga permanentemente o aparelho para que não possa ser usado por terceiros, só há algumas semanas é que a informação da desconexão dos aparelhos foi enviada para a empresa do Canadá, para evitar que os equipamentos roubados no país sejam usados por um segundo comprador. “Se o seu telefone é de origem duvidosa, não reclame junto da operadora, pois vamos pedir a factura de compra do equipamento”, previne. Nas próximas semanas serão anunciadas novas medidas.• PUB


8 venezuela

correio de venezuela • 02 a 08 de dezembro de 2010

Damas realizam Saúdam chegada do Natal novo almoço de beneficência

EVENTO|Tertúlia da Academia da Espetada Caracas

Andrea Guilarte Rincón aguilarte.correio@gmail.com

A Academia da Espetada de Caracas levou a cabo, no dia 29 de Novembro, a tertúlia especial Festa de Natal, que decorreu no salão Ávila do Hotel Montaña Suites. Cestas de comida, brinquedos e outros objectos foram recebidos por alguns membros da junta directiva, todos destinados ao programa ‘Un juguete para un niño’, uma recolha que a associação faz desde Agosto. Os brinquedos serão entregues a 7 de Dezembro a um hospital de Caracas (que ainda não foi seleccionado), segundo anunciou a presidente da Academia, Sílvia Henriques. Eram perto das três da tarde quando o toque de sino anunciou o início da tertúlia. O cônsul honorário de Portugal em Los Altos Mirandinos, PUB

Sergio Ferreira Soares sergioferreirasoares@gmail.com

As amigas da academia cantaram o hino de Portugal durante a jornada

Pedro Gonçalves, leu a já tradicional oração ‘Pai Bondade’, para passar depois a palavra a Idelina Nunes, que foi reconhecida pelos membros da academia e que ofereceu à direcção um estandarte com a letra do hino português. O grupo Quinta Nora, o saxofonista Orlado ‘El Pulpo’ e Katherine González, do grupo Estrellas Lusitanas,

animaram o público com as suas actuações. As pessoas que queiram contribuir para a causa apoiada pela Academia e o programa ‘Un juguete para un niño’ podem contactar a direcção através do endereço: academiaespetadacaracas@ hotmail.com ou através dos números de telefone 04123634522, 04142159097 ou 0412-9769186.•

A Associação de Beneficência das Damas Portugueses organizou mais um almoço com vista à angariação de fundos para as obras que apoia. O encontro foi a 28 de Novembro, dia em que foram servidos pratos tradicionais portugueses como caldo verde e bacalhau assado com batas. Apesar da chuva intensa, cerca de 400 pessoas marcaram presença. O almoço, onde foram ainda servidas castanhas em honra das festas de São Martinho, contou com a presença de diferentes personalidades ligadas à diplomacia e à comunidade luso-venezuelana, para além de representantes das mais importantes associações portuguesas

que trabalham no país. A presidente da associação, Mary Monteiro, entregou umas medalhas de ‘pajaritos venezolanos’ ao Embaixador de Portugal na Venezuela de saída, João Caetano da Silva, como reconhecimento pelo apoio prestado durante estes anos. Agradeceu ainda a todas as pessoas que participaram nos almoços organizados ao longo de 2010 e estendeu um convite para que continuem a colaborar em 2011, cujo primeiro almoço deverá realizar-se entre os meses de Fevereiro e Março. Monteiro aproveitou a oportunidade para enviar uma mensagem de paz e prosperidade a toda a comunidade luso-venezuelana, para que desfrutem deste Natal em companhia dos seus entes queridos.•


politica

02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

9

POLÍTICA|Apesar dos problemas causados pela chuva

CNE mantém eleições para dia 5D

E nos casos em que as infraestruturas que tenham sido afectadas, o CNE procederá à escolha de outro local para colocar as mesas de voto Shary Do Patrocinio shary.correio@gmail.com O Conselho Nacional Eleitoral (CNE) anunciou que as actividades previstas para as eleições do próximo domingo, dia 5 de Dezembro, seguirão o seu curso normal, apesar das consequências das intensas chuvas. Aquele organismo eleitoral está em alerta ante a situação climática no país nos últimos dias, e nos casos específicos em que as infra-estruturas eleitorais que tenham sido afectadas devido à chuva, o CNE procederá à escolha de outro local para colocar as mesas de

Governações Candidato pelo oficialismo Amazonas Edgilio Palau Guárico Luis Gallardo

Candidato pela oposição Liborio Guarulla Carlos Prosperi (Unidad)

voto. Conforme estava planeado, o material eleitoral foi enviado para os centros onde serão instaladas as mesas de voto esta quarta-feira, dia 1, para que a instalação decorra na normalidade esta sexta-feira dia, 3. No sábado, serão feitos os testes de ligação. Os candidatos aos governos de Guárico e Amazonas e a 11 Alcaldías de diferentes estados do país tiveram até dia 2 para apresentar as suas propostas ao eleitorado.•

alcaldias PSUV

UNIDAD

Município - Estado

Miguel Marín Graterol

Juan Luis Márquez

Boconó – Edo. Trujillo

José Douglas Linares

Roger Ocanto

Miranda – Edo. Trujillo

Evely Aguirre de Figueredo

Manuel Díaz

Achaguas – Edo. Apure

Luis Díaz

Richard Fermín

Arismendi – Nva. Esparta

Eduardo Antonio Sequera

Ángel Arráez

Miranda - Carabobo

Dircio Ramón Scott Hernández

Pedro Cabrera Guanipa

Manuel Monges - Yaracuy

Ricardo Capella Mateo

Ricardo Mendoza

Nirgua – Edo. Yaracuy

Luis Alberto Aponte León

José Luis Rodríguez

Carrizal – Miranda

Pedro Nel Castro

Mery Carmona

Panamericano – Táchira

Tiberio Bermúdez

Wilmer Oquendo

Miranda – Zulia

Giancarlo Di Martino

Evelyn Trejo

Maracaibo – Zulia PUB


10 ipc

correio de venezuela • 02 A 08 dE dezmebro de 2010

25º. Aniversário do IPC convidada Dorindo Carvalho especial é a professora Ana Margarida expõe em Badajoz Ramos, da Universidade de Aveiro ANA MARGARIDA RAMOS é professora auxiliar do Departamento de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro, onde leccion as disciplinas da área da Literatura Portuguesa e da Literatura para a Infância. É doutorada em Literatura com uma tese intitulada "Os monstros na literatura de cordel portuguesa do século XVIII" (Universidade de Aveiro, 2005). Tem apresentado várias comunicações em colóquios e congressos nacionais e internacionais. Integra a equipa responsável pelo projecto Gulbenkian – Casa da Leitura e é membro da comissão científica da revista Malasartes: Cadernos de Literatura para a Infância e a Juventude, com a qual colabora assiduamente. Integra, como investigadora, a equipa da Rede Temática de Inves-

Novembro, mês de Saramago A inauguração da Sala José Saramago e a antestreia do documentário ‘José e Pilar’ marcaram as comemorações do 88º aniversário do nascimento do escritor falecido em 18 de Junho e nascido a 16 de Novembro de 1922. ‘Novembro, mês de Saramago’ é o lema das comemorações que decorrem em várias localidades portuguesas e estrangeiras. Além da inauguração da sala com o seu nome na Biblioteca Mu-

nicipal de Lisboa Palácio Galveias – onde o escritor dizia ter "realmente" aprendido a ler –, um dos pontos altos das comemorações é a antestreia de ‘José e Pilar’, documentário intimista sobre a vida de José Saramago e Pilar del Río, realizado pelo português Miguel Gonçalves Mendes. A projecção foi no Cinema São Jorge, em Lisboa, e na mesma esteve presente a viúva do Nobel da Literatura.

tigação Ibérica «As Literaturas Infantis e Juvenis do Marco Ibérico». Publicou vários livros, dos quais se destacam As Portas do Cerco ou a viagem pelas fronteiras do romance, do tempo e da história (Principia, 1999), Percursos de Leitura na Obra de Sophia (Asa, 2003), Livros de Palmo e Meio – Reflexões sobre literatura para a infância (Caminho, 2007), Os monstros na literatura de cordel portuguesa do século XVIII (Colibri/IELT, 2009) e Literatura para a Infância e Ilustração: leitura em diálogo (Tropelias & Companhia, 2010). A celebração do 25º. Aniversário do Instituto Português de Cultura foi no 30 de Novembro, no Salão Nobre do Centro Português. Ana Margarida Ramos proferiou a palestra Fernando Pessoa e a literatura para a infância: encontros e desencontros.

Dorindo Carvalho, ex membro do IPC, com o qual colaborou activamente durante os anos que viveu na Venezuela, inaugurou há pouco dias uma nova individual na Galería de Arte Sala-Taller Nieves Martín, em Villafranca de Los Barros, Badajoz. A exposição tem o título de Formas Presentidas e estará patente até ao próximo dia 4 de Dezembro. Apraz-nos registar esta individual do nosso colega, na medida em que é outro reconhecimento, desta vez internacional, do seu talento como artista plástico, várias vezes premiado.

Novo prémio para cinema português O filme italiano Big Bang Big Boom, do italiano Blu, e a curta de animação portuguesa Viagem a Cabo Verde, de José Miguel Ribeiro, foram os grandes vencedores da 34.ª edição do Cinanima - Festival Internacional de Animação de Espinho. A fita de Blu ganhou o Grande Prémio Cidade de Espinho, a principal distinção do certame, e a do autor de A Suspeita o Prémio António Gaio, dado à melhor obra portuguesa.

Visite o nosso blogue! www.institutoportuguesdecultura.blogspot.com Informações em português, castelhano, inglês e francês. Actualizações diárias


especial

02 a 08 dE dezEmbro de 2010 • correio de venezuela

11

Só 10% das vítimas denuncia agressões às Autoridades

Violência contra a mulher: Crime dentro de portas A cada 18 segundos, uma mulher sofre maus-tratos, segundo dados da ONU Victoria Urdaneta Rengifo victoriaurdaneta@gmail.com

Os principais poderes públicos na Venezuela são dirigidos por mulheres: A Procuradoria, a Assembleia Nacional, o grupo de Magistrados do Supremo Tribunal de Justiça, o Conselho Nacional Eleitoral, a Defensora Nacional da Mulher, o Ministério da Igualdade de Género, entre outros. No entanto, isto não garante o respeito pelos direitos da população feminina. O que influencia directamente esses direitos são as leis, tanto internacionais (uma delas é a Convenção Interamericana para Prevenir, Sancionar e Erradicar a Violência Contra a Mulher, subscrita e adoptada pela Venezuela) como nacionais, mais o trabalho dos 59 fiscais especiais (e os três que posteriormente se juntaram) designados a partir do Plano Estratégico do Exercício 2008, de acordo com declarações da directora de Protecção Integral da Família, adstrita ao Ministério Público, Maria Eugénia Amundaray.

A realidade: Delito público A cada 18 segundos uma mulher sofre maus-tratos, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU). A representante da Direcção de Prevenção da Violência do Instituto Nacional da Mulher, INAMUJER, Yeini Urrutia, citou esse número para dar uma ideia da grave situação mundial. Outra representante da INAMUJER, Judith Rondón, informou que no caso da Venezuela essa situação de violência classifica-se, segundo a Lei Orgânica sobre o Direito das Mulheres a Uma Vida Livre de Violência, em 19 formas: Doméstica, psicológica, patrimonial, ameaças, assédio, etc. Em 2000, o Corpo de Investigações Científicas, Penais e Criminalistas reportou 25 444 casos de lesões pessoais e 4 094 dessas vítimas estavam relacionadas com maus-tratos na família; em 2008, o número subiu para 26 944, com a população feminina como principal

vítima de agressão. Para ficarmos a conhecer mais estatísticas a nível nacional, consultámos diversas fontes oficiais mas não obtivemos resposta antes do fecho desta edição. No entanto, utilizamos estudos não oficiais que poderão servir ao menos como referência. Por exemplo, os dados da Amnistia Internacional referentes a 2005 dão conta de 36 777 casos na Venezuela. Ou seja, a cada quatro horas ocorre um acto de violência no nosso país. A referida organização não governamental continuou a monitorizar o país em 2006 e 2007 e sublinhou que no primeiro trimestre daquele período, o Corpo de Investigações Científicas, Penais e Criminalistas recebeu 490 chamadas de mulheres vítimas e foram recebidas 30 mil chamadas mensais para reportar casas semelhantes. O especialista em segurança Marcos Tarre referiu, num artigo intitulado ‘Violência e Resistência’, publicado no El Nacional a 11 de Abril deste ano, que em 2009, dos 16 047 assassinatos conhecidos, 1 064 vítimas foram mulheres e 90% deste número foi consequência da Violência Baseada no Género.

Medo de denunciar Cerca de 90% das vítimas não dá conhecimento às autoridades, segundo Yeini Urrutia, da INAMUJER, e indicou que nos primeiros cinco meses de 2010, foram feitas 200 mil denúncias de violência. Este número também é assinalado pela vice-ministra Luísa Rodríguez Andarcia, do sector de Estratégias Sociais Para a Igualdade de Género do Ministério do Poder Popular para a Mulher e Igualdade de Género. Para além disso, disse, em entrevista a uma televisão venezuelana, que o número de mulheres que procura orientação nos organismos existentes para o efeito oscila entre os 40 e os 60%. Um dos principais factores que alimenta o medo de denunciar ou de processar é a insegurança que as vítimas sentem perante as prováveis represálias dos seus agressores, pelo que muitas acabam por desculpar e retiram o que disseram num primeiro momento. No entanto, essa não é uma razão para deixar de investigar o caso. So-

As práticas fraudulentas num sector militar terão ocorrido entre 1998 e 2001

bre isto, Mercedes Muñoz, directora da Associação Venezuelana para uma Educação Sexual Alternativa, AVESA, assegurou que é irrelevante se a vítima retira as queixas, pois a Lei Orgânica sobre o Direito das Mulheres a uma Vida Livre de Violência tipifica-o como “um delito público e contempla suficientes medidas de protecção. É uma obrigação do Estado garantir o direito da vida das pessoas, e se essa pessoa está em perigo, deve proteger-se”.

Para além disso, sublinhou que a etapa da negação é típica da violência entre familiares, “é um ciclo onde depois do evento violento, o agressor retracta-se e pede desculpas, depois vem a ‘lua-demel’ e volta a ocorrer a agressão, geralmente mais violenta que a anterior.”

Linhas telefónicas São gratuitas, confidenciais e disponíveis 24 horas por dia: 0800-MUJER (0800-68537) e *112 da Movilnet.• PUB


12 história de vida

correio de venezuela • 02 a 08 de dezembro de 2010

Perfil|Agustín Vieira, médico cirurgião

“Devemos continuar com o legado dos nossos pais” O médico lusodescendente quer fazer um intercâmbio médico, na área da cirurgia bariátrica, com especialistas em Portugal

Jean Carlos de Abreu deabreujean@gmail.com

O médico cirurgião lusodescendente Agustín Vieira trabalha na zona Leste da Venezuela há 21 anos como director da unidade de Cirurgia do Hospital Luís Razzeti de Puerto La Cruz, no estado Anzoátegui, a instituição médica mais importante da zona. Este profissional da Saúde nasceu no estado Aragua e é filho de portugueses naturais da Ponta do Sol, Madeira. Estudou Medicina na Universidade de Carabobo, em Maracay. Já fez diversas pós-graduações n a área do

transplante renal e em cirurgia bariátrica. “Fiz a minha especialização no Clínico Universitário de Caracas e no Brasil, onde me especializei em problemas de obesidade”. Actualmente, Agustín Vieira, para além de atender pacientes e ter a responsabilidade da unidade cirúrgica, dá aulas na Universidade do Oriente na cadeira de cirurgia. Quanto ao trabalho que realiza diariamente no hospital, supervisiona e atende pacientes obesos.

Ser mais humano “Há que trabalhar mais com os pacientes que sofrem de obesidade mórbida. Devemos inculcar-lhes hábitos saudáveis e fazer com que mudem a sua forma de pensar”, diz Vieira, sublinhando que a sua unidade de trabalho conta com ajuda de psicólogos e da endocrinologia. Segundo o cirurgião, “há falsas crenças de que tudo se resolverá com uma o p e r a ç ã o”.

Vieira trabalha como director da unidade de Cirurgia do Hospital Luís Razzeti

Por isso, ressalta o facto de que o paciente deve mudar a sua forma de pensar.

Luso-descendentes pioneiros Agustín Vieira explicou que foram médicos luso-descendentes que fundaram a unidade de cirurgia bariátrica no Hospital Razetti. “Temos sido pioneiros na zona Leste do país em criar esta unidade médica num hospital público, onde as pessoas não pagam nada”. Do seu ponto de vista, a comunidade portuguesa reduziu em cerca de 30 por cento, devido às diversas vicissitudes socioeconómicas que se apresentaram nos últimos tempos na nação. “Os jovens luso-descendentes devem tentar ultrapassar a cultura e a língua. Durante 50 anos, com a emigração, os lusos que chegaram cá trabal-

haram para tentar seguir em frente com a família, dar-lhes um futuro melhor. Agora, há que continuar com esse trabalho. A ideia é continuarmos a nos integrar com os venezuelanos e evitar a desagregação”, disse. “Devemos continuar com o legado dos nossos pais”, acrescentou. Agustín Vieira disse ainda que os portugueses contribuíram muito para as diferentes culturas onde residem, e manifestou o seu interesse em fazer um intercâmbio médico com Portugal, mais especificamente na área da cirurgia bariátrica. Este médico luso-descendente faz parte da associação de Médicos Luso-descendentes da Venezuela (Asomeluve) e reiterou que “um intercâmbio deste tipo servirá de experiência para formar os médicos que praticam este tipo de operação”.•

PUB

ENCONTRE O CORREIO DA VENEZUELA ATRAVÉS DOS SEGUINTES CONTACTOS Victor Vieira

Centro Portugués de Guayana

Trinidad Macedo

(0286) 962.6802 / (0414) 8776547

Puerto Ordaz - Edo. Bolívar

(0251) 262.8768

Barquisimeto - Edo. Lara

José E. De Abreu

Casa Portuguesa de Maracay

(0414) 345.6709

Maracay - Edo. Aragua

Antonio Dos Santos

Programa radial "Así es Portugal"

(0261) 755.7018

Maracaibo - Edo. Zulia

Carlos Balaguera

(0414) 341.2422

Valencia - Edo. Carabobo

Sandra Rodríguez

(0412) 434.5017 / (0412) 756.5448

La Victoria - Edo. Aragua

Jorge Ruíz

322.4246

Los Teques - Edo. Miranda

Gabriel Ferreira

Programa radial "Mocedades Portuguesas"

(0414) 244.5611

Los Teques - Edo. Miranda

Joao Nolasco

Consulado de Portugal en Margarita

(0414) 794.8239

Margarita - Edo. Nueva Esparta

Joao Luis Canha

(0426) 976.7221

Mérida - Edo. Mérida

Fernando David Urbina

(0414) 293.8170

HIguerote - Edo. Miranda

Restaurant El Fogón

(0261) 743.2142

Prolongación Maracaibo

Emisora @lfa 100.9 FM

Programa Gente de Portugal y Venezuela

Valles del Tuy


02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

publicidade

13


14 diáspora

correio de venezuela • 02 a 08 de dezembro de 2010

O PSD de Paris lamentou a decisão do Governo português de cancelar o apoio para a distribuição de cabazes de Natal aos portugueses presos em França devido a questões orçamentais, sublinhando a importância simbólica dessa iniciativa.

comunidades|Em Belo Horizonte, Brasil

Consulado ‘trava’ união de casal gay

Projecto para incluir lusos na história da Califórnia A investigadora portuguesa Deolinda Adão está a desenvolver um projecto de história oral na Universidade da Califórnia com o objectivo de vir a conseguir a inclusão do papel da comunidade lusa na história daquele estado norteamericano. “Em Berkeley temos um projecto de história oral portuguesa, no âmbito do qual recolhemos e arquivamos história oral de membros da comunidade portuguesa com o objectivo de inserir a sua his-

tória na história do próprio estado da Califórnia”, disse Deolinda Adão aos jornalistas em Macau. À margem de uma conferência em que participou sobre o patuá, o crioulo português de Macau, no Instituto Politécnico do território, a investigadora realçou o facto de a “maior parte das pessoas não ter a noção de que os portugueses estão na Califórnia antes mesmo de a Califórnia ser um estado”. LUSA/CORREIO

Emigrantes vão causar confusão nas Scut O Consulado de Portugal em Belo Horizonte foi obrigado a voltar atrás na sua decisão

Cônsul no Brasil impediu durante três meses que português casasse Nuno Miguel Ropio JORNAL DE NOTÍCIAS

Durante três meses, o Consulado de Portugal em Belo Horizonte, Brasil, recusou o casamento entre um cidadão português e o companheiro de nacionalidade brasileira. O desbloqueio só ocorreu a 25 de Novembro, com o cônsul a ser obrigado a ter de cumprir a lei portuguesa. Alegando a necessidade de “verificação” da legislação do casamento entre pessoas do mesmo sexo, em vigor desde 5 de Junho deste ano, o Consulado de Portugal em Belo Horizonte, capital do estado brasileiro de Minas Gerais, impediu o cidadão português Daniel Santos de casar com o

companheiro brasileiro Gustavo Franco. Desde Agosto, o cônsul André de Mello Bandeira adiou consecutivamente o pedido do casal, que vive junto há quatro anos. Mesmo confrontado com pareceres e respostas do Ministério da Justiça e do Instituto dos Registos e Notariado (IRN) portugueses, Mello Bandeira apenas se terá comprometido a analisar o processo em Janeiro de 2011. Contactada pelo JN, a Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas adiantou que “nas últimas horas a situação foi resolvida”. Qual o motivo para a postura do cônsul? “Houve uma dificuldade de interpretação da lei que rege os casamentos entre pessoas do mesmo sexo e que acabou esclarecida”, adiantou fonte próxima do secretário de Estado António Braga, recusando esclarecer se o comportamento de Mello Bandeira motivará averiguações.

Casamento desbloqueado “Não posso estar mais satisfeito. Acabou essa acção discriminatória. Chegou a ser dito que se fosse um casamento heterossexual poderia casar”, disse, ao JN, Daniel Santos, adiantando que a cerimónia estava prevista para ocorrer já na segunda-feira, 29, de manhã, e naquele consulado. “Na altura, sugeriram que fosse casar a outro consulado. Contactei várias entidades portuguesas, até a Embaixada na Argentina e o deputado Miguel Vale de Almeida”, acrescentou o português, de 29 anos, residente no Brasil. Antes desta decisão, confrontado com o caso, o IRN admitiu, ao JN, não ter “competência sobre os consulados”. “O cidadão em causa deverá recorrer hierarquicamente da recusa do consulado para o director-geral dos Assuntos Consulares, do Ministério dos Negócios Estrangeiros”, referiu fonte oficial.•

É mais uma confusão no horizonte das Scut do Norte do País já no Natal, com o regresso dos emigrantes portugueses mas que conduzem viaturas de matrícula estrangeira. Ao DN, os utentes já alertaram para a “confusão” que se prepara para Dezembro, com a chegada dos portugueses “que serão tratados como estrangeiros no seu próprio país”. Isto porque conduzindo viaturas de matrícula estrangeira não terão a hipótese de efectuar “pós-pagamento”, estando obrigados, como qualquer outro cidadão estrangeiro,

a adquirir, logo na entrada em Portugal, o dispositivo de controlo e a fazer o carregamento. Mal regressam ao País já estão a desembolsar 77 euros (incluindo o carregamento mínimo de 50 euros). “Depois, como estão cá uns quinze dias e vão embora, vamos supor que gastam apenas dez euros. O caricato é que não podem pedir a devolução do resto porque isso não está previsto para as viaturas estrangeiras”, diz Jorge Passos, do movimento Naturalmente não às Portagens na A28. DN-LISBOA


diáspora

02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

15

O deputado socialista Paulo Pisco disse à Lusa ter requerido ao Ministério das Finanças a rápida assinatura da Portaria que regulamenta a contratação temporária de professores no estrangeiro.

violência|Brasil

Comunidade lusa sente-se insegura no Rio de Janeiro Cresce clima de insegurança em terras de Vera Cruz

A comunidade portuguesa no Luxemburgo está indignada com o que considera ser uma discriminação do Governo luxemburguês, que apoiou uma escola francesa mas negou a mesma pretensão a um estabelecimento de ensino português. “A decisão do Governo deixou a comunidade um pouco indignada. É uma discriminação em relação à maior comunida-

CORREIO/LUSA

Portugueses a viver no Rio de Janeiro afirmaram à Lusa que sentem medo e que as casas das comunidades portuguesas estão cada vez mais vazias pelo temor da violência. “Quando vim para o Rio já estava informada, não vim de olhos fechados, vim minimamente preparada”, afirmou à Lusa a jovem estudante portuguesa do Porto, de 19 anos, Sara Ruela Ramos. Sara Ruela Ramos dos Santos, que está a viver na cidade há quase 10 meses, diz que tem evitado circular por bairros mais perigosos, como no centro da cidade, na Zona Norte e Oeste onde têm ocorrido os arrastões e acções de repressão da polícia. “Em Portugal, eu sinto-me muito mais segura”, admite Sara ao sublinhar que “não há país perfeito e a cidade do Rio tem qualidades muito boas”, argumenta. “Mas tem esse grande problema que é o tráfico. Tenho que encarar essa situação como qualquer brasileiro e passar por cima. Não estou tão segura com o clima de tensão e de instabilidade nas ruas”, afirma. Sara vive numa casa de estudantes em Copacabana e garante nunca tinha passado por uma “onda de assaltos tão grande e intensa”. Mesmo assim, afirma que quando terminar os estudos pretende continuar a viver e a trabalhar no Rio. Hélder Fonseca Miranda, de 23 anos, que estuda na Escola de Comunicação da Universi-

Exigido ao Governo luxemburguês igual tratamento dado a escola francesa

Várias zona da cidade têm sido afectadas por arrastões e acções de repressão da polícia

dade Federal do Rio de Janeiro, também há menos de um ano a viver ali, disse que sempre ouviu dizer sobre a violência na cidade. “Sempre ouvi dizer da violência e que há épocas tensas aqui. Pelo que eu vejo na televisão dá medo, mas por enquanto, não fui atingido directamente pelas acções violentas”, realçou à Lusa o português de Póvoa do Varzim que, apesar do clima de insegurança, ressalta que era o seu sonho ir para o Rio de Janeiro. “Os meus amigos na faculdade falaram-me para eu ter cuidado, desde domingo não saio à noite”, admitiu. Já a vice-presidente da Casa das Beiras, no bairro da Tijuca, Eliane Mariath diz não se lembrar de uma situação tão tensa como desta vez. “Os portugueses estão com medo, as casas das comunidades estão a esvaziar-se”, disse à Lusa Mariath. “Estamos bem no meio da confusão”, afirmou. Mariath vive na rua Santa Amélia e a Casa das Beiras também é ali próximo. Des-

de domingo, um autocarro e outros dois veículos foram incendiados naquela localidade. “Nós tornamo-nos prisioneiros dentro da nossa própria casa. Não saímos às ruas, não temos segurança. Em frente ao meu edifício tem uma cabine da Polícia Militar, eles próprios estão assustados porque as cabines estão a ser metralhadas”, confessa. A vice-presidente da Casa das Beiras reside no 10 andar e o helicóptero da polícia passa muito próximo da sua janela, de onde é possível “ver as armas em punho da polícia, é horrível”. Mesmo assim, “a vida continua, temos que trabalhar com receio”, destaca Mariath. “Eu digo sempre: para morrer basta estar vivo. É preciso manter a calma”. Segundo ela, a Casa das Beiras continua a funcionar, fica aberta durante a semana até às 18h, mas muitos portugueses não comparecem aos eventos à noite. “As pessoas têm mudado a sua rotina. A ideia agora é fazer os eventos de dia e não mais à noite”.•

de do Luxemburgo”, disse à Lusa Coimbra de Matos, presidente da Confederação da Comunidade Portuguesa no Luxemburgo (CCPL). A polémica surgiu porque há alguns anos a comunidade portuguesa e uma universidade de Lisboa tentaram abrir uma escola lusófona no Luxemburgo, mas o Governo luxemburguês criou entraves. LUSA/CORREIO

Plataforma electrónica vai agrupar media

O Governo lançou, na quintafeira, 2, uma plataforma electrónica que abrange todos os órgãos de comunicação social de expressão portuguesa distribuídos por todos os continentes. A plataforma electrónica recebeu o nome de Lusomédia e foi apresentada pelo secretário de Estado das Comunidades, António Braga. De acordo com um comunicado do Ministério dos Negócios Estrangeiros,

o Lusomédia irá contribuir para aproximar os órgãos de comunicação social portugueses aos jornais, revistas, portais de informação, rádios e canais de televisão das comunidades. O Lusomédia apresentase como um “painel da diversidade do mundo lusófono, dando acesso ao conhecimento da actual realidade do seus media e da informação que publicamente disponibilizam”, refere a mesma nota. LUSA/CORREIO


16 portugal

correio de venezuela • 02 a 08 de dezembro DE 2010

Cerveja é a bebida Campanha Banco Alimentar alcoólica mais recolheu 3265 toneladas consumida em PT SOLIDARIEDADE|Mais 775 do que no ano passado

A cerveja é a bebida alcoólica mais consumida pelos portugueses, enquanto o vinho mantém a tendência de decréscimo iniciada na década de 90, revelou esta terça-feira, 30 de Novembro, o Instituto Nacional de Estatística (INE). Segundo o INE, a quantidade disponível para consumo diário per capita de bebidas alcoólicas decresceu oito por cento entre 2003 e 2008,

CORREIO/LUSA

Os Bancos Alimentares Contra a Fome recolheram no último fim-de-semana de Novembro, um total de 3265 toneladas de alimentos, mais 775 toneladas do que no ano passado, disse à Lusa a presidente do Banco Alimentar, Isabel Jonet. A recolha bateu este ano recordes quer de alimentos doados quer de voluntários envolvidos, conseguindo mais 30% de produtos do que em Dezembro de 2009 e somando mais de 30 mil voluntários. A quantidade recolhida “constitui um recorde absoluto desde que estas campanhas de recolha se efectuam em Portugal”, refere o Banco Alimentar em comunicado divulgado, acrescentando que a campanha PUB

deste ano “constitui em termos de dimensão uma operação de voluntariado sem qualquer paralelo” em Portugal. “As quantidades de géneros recolhidos este fim de semana, que, apesar da profunda crise económica que afecta o país,

constituem um recorde absoluto, mostram que os cidadãos Portugueses são intrinsecamente generosos e aderem inequivocamente a projectos cujos objectivos compreendem”, adianta Isabel Jonet na mesma nota.•

tendo registado um aumento de um por cento em 2004 devido à realização do Campeonato Europeu de Futebol em Portugal. Este aumento foi promovido pela cerveja, cujo consumo aumentou dois por cento em 2004. O INE destaca que a cerveja tem sido a bebida alcoólica com maiores disponibilidades para consumo diário per capita, 55% do total em 2008. •


portugal

02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

ECONOMIA|Zurique e Frankfurt

Périplo de Sócrates para atrair investidores

TAP corta milhões Companhia vai avançar com plano para cortar 180 milhões de euros de custos em 3 anos LUSA/CORREIO

José Sócrates viaja de Frankfurt para Buenos Aires, onde se juntará a Cavaco para a XX Cimeira Ibero-americana

CORREIO/LUSA

O primeiro-ministro inicia quinta-feira, 2, um périplo que o levará primeiro a Zurique e Frankfurt, partindo depois para Mar del Plata (Argentina) com os objectivos de promover a internacionalização da economia portuguesa e o sector exportador nacional. Esta ronda internacional de José Sócrates - que inclui três viagens num período de menos de 24 horas (Lisboa/ Zurique, Zurique/Frankfurt e Frankfurt/Buenos Aires) segue-se à reunião que teve na terça-feira, em São Bento, com as onze maiores empresas exportadoras instaladas

em Portugal e que teve como principal finalidade potenciar o crescimento económico do país. Na quinta-feira de manhã, José Sócrates estará ao lado do seu homólogo espanhol, José Luís Zapatero, em Zurique, na promoção da candidatura ibérica ao Campeonato do Mundo de Futebol de 2018, estando previsto que a candidatura vencedora seja anunciada no mesmo dia. Terminada a sessão de Zurique, José Sócrates parte para Frankfurt, chegando à cidade alemã por volta das 15h00, onde estará acompanhado pelo ministro da Economia, Vieira da Silva. José Sócrates e Vieira

da Silva visitam depois a Feira Internacional das Empresas de Moldes, certame que conta com a presença de empresas portuguesas. Segundo fonte do Executivo, com a deslocação a Frankfurt, o primeiro-ministro pretende transmitir um sinal de incentivo às empresas portuguesas, tendo em vista o apoio às suas exportações e internacionalização. Ao fim da tarde, Sócrates viaja de Frankfurt para Buenos Aires, seguindo depois para Mar del Plata, onde, juntamente com o Presidente, Cavaco Silva, participará até sábado na XX Cimeira Ibero-Americana, que é dedicada a Educação.•

17

A TAP vai apresentar ao Governo um plano de redução de custos a três anos destinado a cortar 180 milhões de euros, avançou o presidente executivo da companhia aérea, na Assembleia da República. Fernando Pinto, que foi ouvido na Comissão Parlamentar de Obras Públicas, Transportes e Comunicações, disse que a TAP vai entregar o plano de redução de custos que todas as empresas do Sector Empresarial do Estado (SEE) têm de entregar ao Governo. “Dos 300 milhões [de cortes] necessários, estamos apresentando um programa de três anos para reduzir 180 milhões” de euros de custos, afirmou o presidente executivo da TAP, em resposta ao deputado do CDS-PP Hélder Amaral. Fernando Pinto disse que este programa integra “perto de 200 iniciativas internas”, salientando que numa empresa onde 30% dos custos são com combustível e 20% com pessoal, “é preciso ser muito criativo para fazer reduções”.

O responsável disse que a companhia aérea optou por não cortar custos através da redução do número rotas, porque esta opção “levaria à morte da empresa”. As empresas do SEE têm entregar ao Governo planos de redução de custos. Com estes planos, o Governo pretende reduzir, em termos globais, 15 por cento nos custos operacionais das empresas do SEE, o que poderá representar uma poupança anual de 1,6 mil milhões euros. Para a concretização do corte de 15%, o Governo pretende reduzir “20% do número de membros dos órgãos de administração, chefias e estruturas de direcção” e cortar nos “custos operacionais (não extraordinários), nomeadamente custos com fornecimentos e serviços externos e custos com a frota automóvel”. Sobre a redução do número de administradores, o presidente executivo da TAP disse que “terá de ser feita em comum acordo com as duas tutelas [Ministérios das Obras Públicas e das Finanças]” da empresa. No que respeita à redução dos salários, Fernando Pinto admitiu que tem “grandes dificuldades com os sindicatos”. “A forma como se atingiu eficiência foi também à custa de salário e à custa de gerir a empresa como uma empresa privada”, justificou.•

Debates das presidenciais arrancam a 8 de Dezembro

Os três canais generalistas, RTP, SIC e TVI deverão sortear esta quinta-feira, 2, à tarde os debates televisivos para as eleições presidenciais, que irão ocorrer entre os dias 8 e 21 de Dezembro, segundo noticiou o jornal Público. As televisões apresentaram na quarta-feira às cinco principais candidaturas o seu

plano de debates e receberam a anuência de todas com excepção da de Cavaco Silva por este ainda não ter a sua agenda de Dezembro definida. Nesta quinta-feira à tarde há novo encontro entre os canais e os representantes dos candidatos e se a candidatura de Cavaco Silva tiver disponibilidade para os dias propostos pelas

televisões realizar-se-á logo o sorteio para definir quais os debates que ficam com cada canal. Ou então terá que ser proposto novo calendário. As três televisões estão a contar apenas com dez debates, divididos entre elas, por sorteio, à razão de 3-3-4, que incluem os candidatos Silva, Moura, Nobre, Lopes e Alegre •.

A companhia aérea optou por não cortar custos através da redução do número rotas


18 cultura

correio de venezuela • 02 a 08 de dezembro de 2010

Arte|No Arteachorros

Dalia Ferreira expõe ‘Cuarentena’ A artista quer mostrar a sua arte em Portugal

Siudy Quintero em El Jaleo

Para já, prepara uma exposição em Nova Iorque cidade, que “são utilizados pela artista e uma vez mais são reinterpretados, relocados, intervencionados, alterados e sobrepovoados para criar esse enxame de residentes anónimos na série.” Ferreira faz parte do colectivo ‘Pixeles’, que tem uma mostra permanente na Galeria GBG Arts. Está ainda presente, com a sua obra ‘Caracas Skyline’, na sala Rómulo Gallegos, do Celarg, exposição que se estende até 15 de Janeiro. A luso-descendente referiu ainda um projecto visual

a ser preparado para uma exposição em Nova Iorque, nos Estados Unidos.

Mensagem com humor Dalia Ferreira é jornalista, artista plástica e locutora. Foi produtora na emissora 92.9 FM. Esta comunicadora social considera que a rádio nacional desempenha um papel inusitado. “As pessoas que ouvem rádio são mais inteligentes do que achamos que são. Podese dizer muitas coisas com humor sem ofender. Fazendo uma avaliação da rádio na

Venezuela, esta dividiu-se em duas etapas: Antes da Lei Resorte, e depois. A Lei de Conteúdos tem uma dupla moral devido ao que estabelece”, diz. Esta luso-descendente tem o desejo de fazer uma exposição em Portugal. Segundo ela, os portugueses são pessoas trabalhadoras. Por isso, “gostava de ir a Lisboa para fazer um registo visual da cidade e fazer um trabalho. Quero contactar as entidades lusas a fim de explicar-lhes o projecto e realizar, assim, um dos meus sonhos”.•

‘O Feiticeiro de Oz’ no Luisela Díaz O clássico de 1939 chega aos palcos de teatro venezuelanos Andrea Guilarte aguilarte.correio@gmail.com Com mais de 10 actores em cena, e acompanhados pelas crianças e adolescentes que integram o Grupo de Teatro Colobri, ‘O Feiticeiro de Oz’ está no palco do Teatro Luisela Díaz, no Caracas Theater Club, desde o passado dia 13 de Novembro. Música, efeitos especiais e disfarces que causam impacto conquistam a atenção do

Cradle Of Filth em Caracas

A popular banda inglesa Cradle Of Filth vai estar na Venezuela a 14 de Dezembro para um único concerto em Caracas, na Universidade Metropolitana. Para mais informações, consulte www.ticketmundo.com.

Jean Carlos de Abreu deabreujean@gmail.com A luso-descendente Dalia Ferreira inaugurou uma exposição denominada ‘Cuarentena’ no espaço Arteachorros, no Cento de Arte Los Galpones, em Los Chorros, que fica patente ao público durante dois meses. Trata-se de uma proposta fotográfica sobre a cidade, onde faz uma interpretação visceral e atormentada da grande urbe crioula. Esta é a quarta exposição individual da artista, na qual mostra sete trabalhos de grande formato que levam o espectador a reflectir sobre a sua identidade urbana. Esta mostra já esteve na Alemanha, durante a exposição ‘Tres visiones La Ciudad’. Dália Ferreira disse ao Correio que aborda o tema urbano porque “ando a analisar o fenómeno das grandes urbes, os problemas existenciais dos indivíduos, para além de outros temas do quotidiano”. A obra completa contem os característicos edifícios da

breves culturais

público adulto e jovem nesta nova montagem cuja produção e direcção geral está nas mãos do luso-descendente José Manuel Ascensão. A obra, um clássico que data de 1939, recria a história de Dorothy, uma menina que vive numa fazenda no Kansas com a sua tia Em, o tio Henry e o cão Toto. Um dia, enquanto brincava com o seu cão nos arredores da casa, Dorothy é surpreendida por um grande tornado. Ela e Toto correm a refugiar-se mas inutilmente, pois é apanhada pelos furiosos ventos, que a levam pelos céus até ir parar ao País dos Munchkins,

A 3, 4, 5, 10, 11 e 12 de Dezembro, 10 bailarinos com o vestuário mais vistoso da dança flamenca na Venezuela celebram os 50 anos de carreira artística de Siudy Quintero. Às sextas e sábados, as sessões são às 11:30 da noite, e aos domingos às quatro e meia da tarde, em El Jaleo, na rua La Paz em El Hatillo, frente à Plaza Bolívar.

Jorge Godoy na Unearte A Universidade Nacional Experimental das Artes (Unearte) comemora os 40 anos da galeria ‘Viva México’ e os 25 anos passados sobre o desaparecimento do seu fundador, Jorge Godoy com a exposição ‘Presencia en el Tiempo de Jorge Godoy’, patente ao público até 12 de Dezembro.

Salsa em La Rinconada

Crianças e adultos participam na peça onde acaba, sem querer, durante a sua aparatosa queda, com a Bruxa Má do Este. Arrependida, Dorothy deve ir até à Cidade das Esmeral-

das para que o poderoso Feiticeiro de Oz a faça regressar a casa. Começa então a aventura entre homens de lata, leões e espantalhos que falam.•

Os amantes da música marcam presença a 18 de Dezembro na Fiesta de J.A em Caracas que nesta edição conta com artistas como Tony Vega, Willie González, Manolo Lezcano, Alex D’ Castro, entre outros. Os bilhetes estão à venda na Zona Oceánica, Farmafácil Centro Colonial La Vega, Street Game Multiplaza Paraíso e Daewoo Ahorro Catia.


cultura

02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

breves culturais “Habana Eva” premiada

O filme da directora venezuelana Fina Torres alcançou o prémio pela melhor película do 7º Amazonas Film Festival de Manaus, no Brasil. "Habana Eva” competiu com “Las buenas hierbas”, de María Novaro e “Aftershock”, de Xiaogang Feng e os filmes “Elvis e Madona”, de Marcelo Laffitte, e “Lixo Extraordinário”, de João Jardim e Karen Harley.

Festival CreaJoven O V Encontro de Jovens Criadores das Artes Cénicas até ao próximo domingo, 12 de Dezembro, na Sala de Teatro 1 e Sala Experimental Sótano 3 da Fundação Celarg. Na jornada vão participar artistas interessados em mostrar os seus trabalhos criativos.

Outra rainha venezelana A venezuelana Caroline Medina foi coroada, no passado 25 de Novembro, na cidade boliviana de Santa Cruz de la Sierra, como “Rainha Hispanoamericana 2010. A jovem recebeu a coroa das mãos do sua compatriota Adriana Vasini.

Los Goya entregues em Fevereiro

Os prémios mais importantes do panorama cinematográfico espanhol, Los Goya, serão entregues a 13 de Fevereiro de 2011, numa cerimónia que terá lugar no Teatro Real de Madrid, segundo anunciou esta Academia de Cinema. Os nomes dos candidatos que vão competir pelas estatuetas serão conhecidos a 11 de Janeiro.

Folclore|Portugal representado por quatro grupos

Festival Internacional reuniu mais de 700 pessoas Jean Carlos de Abreu deabreujean@gmail.com O grupo Semente Nova, da Hermandad Gallega de Caracas, conquistou o primeiro lugar no 31.º Festival de Danças Folclóricas Internacionais, realizado sábado, 27, no Centro Catalão, em Caracas, onde 14 grupos mostraram o melhor das danças tradicionais dos seus países e regiões de origem. O grupo vencedor vai organizar a próxima edição do festival, em 2011. Madeira, Portugal continental, Açores, Hungria, Ucrânia, Itália, Peru, Colômbia, Canárias, República Checa, Equador, Cantábria, Galiza e Israel foram os participantes nesta edição do festival, e a Venezuela foi o país convidado. Mais de 700 pessoas assistiram ao evento. Os grupos do Centro Marítimo de Venezuela, Centro

pensa verde

natal

ecológico (III) Carla Salcedo Leal

Social Madeirense, Saudades, da Casa Portuguesa do estado Carabobo, e o Centro Português, em Caracas, representaram a Madeira, os Açores e Portugal continental, executando danças típicas das diferentes regiões. A madrinha do festival foi Melani Previtte, representante do grupo folclórico de Canárias. O grupo anfitrião, Esbar Danzaire, do Centro Catalão, deu início ao evento, com a dança vencedora

da edição passada.

Reconhecimento aos criadores Os organizadores do 31.º Festival de Danças Folclóricas Internacionais entregaram um reconhecimento e a primeira banda usada pelo grupo vencedor há 30 anos, no festival, a Fátima Ponte, membro do grupo folclórico Saudades, pelo trabalho desenvolvido em prol da manutenção desta actividade.•

Gaélica dão dois concertos no domingo Correio de Venezuela correio.prensa@gmail.com Depois do bem sucedido lançamento do álbum “Paz una Navidad celta en Venezuela”, em Dezembro do ano passado, com mais de 6 mil cópias vendidas e o lançamento de uma segunda edição para a quadra dezembrina, Gaélica apresenta o seu concerto de Natal com um dupla função no domingo, 5 de Dezembro, no teatro do Centro Cultural BodCorp Banca às 6h00 da tarde e às 9h00 da noite. As actuações vão ser marcadas por repertórios que incluem temas venezuelanos e os internacionais.

19

O álbum natalício será totalmente interpretado ao vivo, juntamente com músicos e convidados especiais. Esta nova produção discográfica vai estar à venda no dia do concerto. As entradas custam BsF

180 e estão disponíveis em www.ticketmundo.com ou no quiosque do Centro. Para mais informação, visite www. gaelica.net, www.corpbancacentrocultural.com ou telefone para os números 0212 206 21 49 / 206 11 49.•

Se ainda não montou o seu presépio, e se se preocupa com o Planeta, tenha em conta que pode fazer muito para ajudá-lo, mesmo enquanto decora o seu lar para o Natal. Os presépios são ornamentos fundamentais nas casas católicas durante a época natalícia, e chamam a atenção de quem visita as nossas casas, pelas diferentes formas que assumem. São muitos os que arriscam fazer pequenas povoações de diferentes tamanhos, enquanto outros colocam as figuras principais, mas têm sempre uma base que dá forma e ambienta o cenário. Sobram ideias criativas, mas o importante é ter em conta que podemos procurar uma forma de fazer coisas bonitas e ao mesmo tempo contribuir para a poupança familiar. Se procurar com atenção, dar-se-á de conta que muitos materiais que utiliza diariamente no seu lar e escritório podem ser utilizados para armar o presépio, como jornais, papel reciclado e artesanal, serradura, sacos de papel de padaria, musgo, caixas e papel de alumínio. Todos estes itens são reutilizáveis e podem ser guardados durante anos, pelo que no próximo ano poderão fazer de novo parte do presépio. Uma pequena planta não só tornará o seu presépio mais amigo do ambiente como dará um toque de naturalidade à cena. Será muito mais proveitoso tendo em conta que pode tornar-se parte do jardim uma vez terminado o Natal. O tipo de luzes que são colocadas no nascimento também importa pois as tradicionais, que produzem calor, contribuem para o desgaste das peças e aumentam o consumo eléctrico. Assim, neste Natal, recordese de que não é necessário prejudicar o Planeta para celebrar, e tenha em conta que cuidar hoje é preservar o futuro das novas gerações.


20 cultura breves culturais

correio de venezuela • 02 a 08 de dezembro de 2010

GRUPO FOLCLÓRICO|Danças e Cantares do Centro Português

agenda tempo livre

danças e cantares”

Feira natalícia no Parque

› “Somos uma família de

Marlene no calendário 2011

A protagonista da telenovela “La Mujer Perfecta”, a luso-descendente Marlene de Andrade, foi eleita uma das modelos Polar Pilsen. As praias Lomas de Caruao, Playa Larga e Urama, situadas no estado Vargas, foram os cenários escolhidos para, pelo segundo ano consecutivo, a lente de Alberto Hernández fotografar as modelos e transmitir a essência da marca.

A Junta Paroquial de El Cafetal a a Alcaldía de Baruta promovem, entre 4 e 5 de Dezembro, a feira Naval no Parque 2010, na urbanização Parque Vizcaya, onde se poderá encontrar acessórios de distintos desenhos, brinquedos e ainda desfrutar de várias iguarias gastronómicas e música. A entrada é gratuita.

Curso sobre liderança

Albi De Abreu recebe menção especial O actor luso-descendente Albi de Abreu, recebeu uma menção especial do jurado na segunda edição do Festival de Cortos de Caracas, Chorts 2010. O painel de especialistas considerou como valioso o trabalho realizado por De Abreu na curta-metragem “El Colmillo”. “Ficamos gratamente surpreendidos com a receptividade dos espectadores”, afirmaram os organizadores, Daniel Ruiz Hueck e Juan Fermín.

Vanessa Gonçalves desfila para Scutaro A Miss Venezuela 2010, Vanessa Gonçalves, desfilou em traje de noiva na apresentação da novas colecção do desenhador venezuelano Giovanni Scutaro, na passada quintafeira, 25 de Novembro. O desfile expôs as linhas ‘Ready to wear’, inspiradas no aniversário da morte de John Lennon, e ‘Magia Blanca’, baseada nos anos 60, com a exibição de um total de 25 peças dedicadas a noivas. Todo em benefício da Fundação Una Mano Amiga.

O grupo celebrou 14 anos de existência.

Quem quiser fazer parte do grupo só tem de estar disposto a aprender Carla Salcedo Leal csalcedo.correio@gmail.com

Foi em 1995 que, por iniciativa de Augusto Pinto, Fernando Ferreira e António Granja, tiveram lugar os primeiros ensaios do Grupo Folclórico Infantil do Centro Português, como era originalmente conhecido o grupo Danças e Cantares. “Ensaiámos durante ano e meio sem termos trajes. O primeiro convite que surgiu foi para um festival no hoje Centro Marítimo, a 23 de Novembro de 1996”, recorda Granja, director do clube. A 8 de Janeiro de 1997, o Centro Português organizouse para dar as boas-vindas a um grupo que se tinha estreado fora de casa, uma festa que teve lugar no Salão Nobre do clube, um dos eventos folclóricos mais recordados por esta casa. Naquela altura, o dirigente do clube era José Luís Ferreira, que foi um dos organizadores do evento no qual participaram grupos re-

presentantes das culturas espanhola, italiana, mexicana e venezuelana. Perder os membros do grupo quando estes entravam na adolescência levouos a mudar o nome. Inicialmente, era preciso engenho para formar os casais na dança. “Eram poucos no início, e havia meninas que tinham de disfarçarse de meninos porque não havia suficientes. Punham um chapéu e passavam por rapazes. Hoje em dia temos rapazes de 20 e 22 anos, conseguimos o que queríamos, que era mantê-los no grupo”, disse Granja. Actualmente, o grupo Danças e Cantares é formado por 35 membros, entre músicos e bailarinos, com idades entre os 4 e os 50 anos de idade, e é reconhecido em todo o território nacional pelas pessoas que já por lá passaram, como a fadista Liliana Farias, embora seja raro encontrá-los num festival folclórico. “Quando são competições, os festivais provocam brigas e desarmonias, em vez de trazer harmonia, e não quero ir a um festival onde isso acontece, quero ir para unir a cultura. Há que

Foto: Francisco Garrett

promover os festivais em que todos sejam premiados ou reconhecidos”, exortou o director do Danças e Cantares. Há cerca de duas semanas, o grupo celebrou os seus 14 anos de vida sem interrupções, aquando da celebração do Dia de São Martinho, em que sócios e amigos dançaram e cantaram canções tradicionais madeirenses. “Estamos a tentar recuperar o grupo, porque num ano saiu gente muito importante. Nós somos um grupo muito aberto a todos os que cá chegam, somos uma família. Cada membro que entre tem três meses para aprender o básico, a única condição é que as discussões fiquem de fora, o Danças e Cantares é para cantar e bailar”, sublinhou Granja. Para fazer parte do grupo folclórico, não é necessário ser sócio do clube, basta entrar em contacto com Granja, ter a disposição de aprender e a responsabilidade de participar nos ensaios às sextas-feiras, às 9 da noite. “Se alguém quiser aprender a tocar acordeão ou braguinha, estamos às ordens, porque também precisamos que nos acompanhem com estes instrumentos”.•

Os professores Stephan Kaiser e Martin Kaiser vão ministrar um curso sobre liderança no próximo sábado, 11 de Dezembro, na Clínica Ávila. A propina é de BsF 500. Poderá saber mais sobre através do telefone 8931750 ou visite www. quieroserlider.com/evento.

Boas noites, mamã

Da companhia de actores Hebu Teatro chega a obra “Buenas Noches Mamá”. Esta peça serve para fazer reflectir sobre o quotidiano. Até ao próximo 12 de Dezembro, as apresentações decorrem às sextas-feiras e aos sábados, pelas 9h00 da noite e aos domingos às 7h00 da noite. Visite www.trasnochocultural.com

Conto de Natal no palco O grupo de teatro N´Scena do Colégio Santo Tomás de Villanueva apresentará, no próximo 4 de Dezembro, pelas 3h00 da tarde, a peça “La cerillera”. A montagem será apresentada na sala de teatro da instituição. Para mais informação poderá contactar 04265184652.


sociais

02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

Banquetes

Gales

Salón Majestic

União Ascensão – Reyes Andrea Guilarte Rincon Fotos: Francisco Garrett

Janeisa Alejandra Reyes e Luis Manuel Ascensão oficializaram, no passado 27 de Novembro, o desejo de empreender uma vida comum e, perante Deus, juraram eterno amor. A festa de casamento, que contou com 130 pessoas, foi celebrada no Salão Majestic de Banquetes Gales, no Centro Comercial Ciudad Tamanaco. Amigos e familiares compartiram um belo momento de harmonia e felicidade com o jovem casal.

“Há cinco anos fui a uma festa na sua casa. Dançamos e desde então fiquei apaixonada”, recordou Janeisa quando convidada a revelar o momento que marcou o começo da relação. “Luis propôs-me em casamento num miradouro de Colonia Tovar”, acrescentou, enquanto explicava que ambos chegaram a ser vizinhos desde quando eram muito pequenos e até chegaram a partilhar a mesma escola e liceu. O casal viajaram para Cancun e Panamá para celebrar o momento que os unirá para sempre.•

21


22 opiniÃo Crónica ›

correio de venezuela • 02 a 08 de dezembro de 2010

Ou comes a sopa, ou chamo o FMI! (II)

A

gindo como se estas teorias económicas tivessem nascido hoje, ignorando a história do desenvolvimento das sociedades ocidentais, cujo crescimento só foi possível aumentando o poder de compra dos cidadãos, para que se tornassem consumidores e a sua empregabilidade, como factor essencial à sua dignidade e à coesão das sociedades, estes arautos das novas (velhas) soluções, esquecem-se, por fim, que a marcha da história já não lhes permite um retorno ao capitalismo selvagem, o da aceitação da inevitabilidade da miséria e das profundas desigualdades sociais. É evidente que, sem um modelo sócio-económico mais

Luis Barreira

“O preço do dinheiro emprestado a Portugal continua a subir”

vasto, adaptado à cultura de cidadania das nossas sociedades, defendido por lideranças políticas fortes, convictas e visionárias, o mundo vai derrapando para este atoleiro financeiro, com graves consequências imediatas para os povos. E, na sociedade global em que nos inserimos, Portugal e os portugueses não escapam ao “inferno” anunciado. Há, no entanto, situações internas que justificam uma atitude mais corajosa dos nossos governantes e que estão muito para além da matemática financeira da redução do déficit nacional. As que resultam: da luta contra injustificadas e aberrantes desigualdades; dos incentivos à produção nacional; da alteração dos nossos mode-

los de consumo; da valorização da moral social e da solidariedade; da responsabilização dos cidadãos, em conformidade com as suas responsabilidades; do orgulho patriótico e da elevação da autoestima nacional; da descentralização do nosso desenvolvimento; da participação cívica; da confiança na eficácia e ética das instituições; dos princípios essenciais às matérias educativas e tantos outros aspectos, pequenos ou grandes, que impliquem uma mudança de atitude do nosso povo e que o estimulem à criação de uma sociedade equilibrada. Podemos não mudar o mundo, mas não temos de ser obrigados a “comer toda a sopa” que nos querem servir, com medo do FMI!

Director Aleixo Vieira Subdirector Agostinho Silva Coordenação Sergio Ferreira Soares Jornalistas: Shary Do Patrocinio, Andrea Guilarte, Carla Salcedo António da Silva, Sergio Ferreira Soares, Victoria Urdaneta, Jean Carlos de Abreu Correspondentes: Edgar Barreto (Punto Fijo) Carlos Balaguera (Valencia-Maracay) Trinidad Macedo (Barquisimeto) Silvia K Gonçalves (Guayana) Sandra Rodriguez (La Victoria) Ricardo Santos (Margarita) Fernando Urbina (Higuerote) Colaborações: Raúl Caires (Madeira), Arelys Gonçalves, Antonio López Villegas, Luís Barreira, Álvaro Dias, Luis Jorge, Ysabel Velásquez, Carlos Agostinho Perregil R. Administração: Gloria Cadavid

alta tribuna

Publicidade e Marketing: Carla Vieira

Paginação: Elsa de Sá Assessoria Gráfica: Raimundo Capelo

Não ficarão!

Fotografia: Paco Garret, Silvia Di Frisco

Q

uem teria pensado, há uns 10 anos – ou porquê irmos tão longe, há cinco anos – que estaríamos a ouvir falar sobre a instituição de um regime comunista na Venezuela? A mim, pelo menos, jamais me passou pela cabeça. Jamais pensei que viveria para ver o que estou a viver hoje, e, o que é pior, com o apoio incondicional de um grupo que se instalou no poder e, segundo dizem com o maior descaramento, é ‘para ficar’! No entanto, a realidade arrebata-nos e oprime-nos demasiado rápido. Os regimes totalitários como o comunismo eram apenas uma realidade cubana e ouvíamos as histórias e

Antonio López Villegas

“Jamais pensei que viveria para ver o que estou a viver”

víamos os vídeos daqueles balseiros que se atreveram a cruzar o mar, escapando desse regime de Cuba, fugindo ‘do mar da felicidade’ para chegar às costas da América do Norte em busca de uma vida melhor, da liberdade, de fazer o que quisessem. E também histórias dos que não conseguiram alcançar a costa e que pereceram na tentativa. Hoje, os balseiros são os daqui, da Venezuela, e chamados ‘balseiros do ar’, que ironia da vida. Não é segredo para ninguém o que o comunismo significa: Expropriações daqueles que produzem, escassez generalizada, aumento da miséria, controlo, aumento de armas, purgas, os delitos sem delinquentes, as

violações dos direitos humanos, exclusão, mais filas, controlo, controlo, controlo, etc. Foi por isso que fracassou na URSS, na China e na Coreia do Norte. E por isso fracassará aqui também. O único regime que lhes permite ficar até á morte é esse e por essa razão tentam instituílo, ainda que na verdade não acreditem nem pratiquem as suas doutrinas, mas já não será possível porque terão que ficar aqui a ver como se desenvolve, verdadeiramente, um país, e vendo-se na obrigação de trabalhar porque os privilégios já terão desaparecido. Já alguns o entenderam e estão a fazer as malas. Outros ainda resistem a acreditar.

"Se queres ser colunista de opinião neste meio de comunicação, candidata os teus textos através do correio electrónico correio. prensa@gmail.com. Necessitamos do teu nome completo, um título para a coluna e um texto de 2500 caracteres máximo"

Secretariado: Anaís Salazar Distribuição: Enrique Figueroa Impressão: Editorial Melvin C. A Calle el rio con Av. Las Palmas Boleita Sur - Caracas Venezuela Endereço: Av. Veracruz. Edif. La Hacienda. Piso 5, ofic. 45H-3. Urb. Las Mercedes, Baruta - Caracas. Telefones: (0212) 9932026 / 9571 Telefax: (0212) 9916448 E-mail: correio@cantv.net www.correiodevenezuela.com Tiragem deste número: 15.000 exemplares Fontes de Informação: Agência de Notícias Lusa, Diário de Notícias, Diário de Notícias da Madeira, Ilhapress, Portuguese News Network e intercâmbio com publicações em língua portuguesa, de diferentes partes do Mundo.


cartas

02 a 08 DE DEZEMBRO de 2010 • correio de venezuela

Cartas

23

Favor enviar as suas cartas e comentários ao endereço electrónico: correio.venezuela@gmail.com

"O governo de Chávez é bondoso" Amigos leitores, como todas as semanas, costumo ler este jornal e há comentários que às vezes me chamam a atenção, como este: "O governo de Chávez é bondoso". Estou totalmente de acordo, porque gosto e admiro os governos e as pessoas bondosas. Sei que este comentário se referia aos acordos e convénios que se fizeram com o nosso outro país, fiquei contente como portuguesa, é bom para Portugal, que bem precisa, mas a realidade é que nós vivemos neste belo país que é a Venezuela. É aqui que trabalhamos e pagamos os nossos impostos. Temos todo o direito de ter um governo bondoso aqui porque a bondade deve começar em casa.

Graça Gouveia

Inclusão Social

Revivo memórias com o Correio

Desde o interior

Queria dar os parabéns ao Correio da Venezuela pela reportagem sobre o encontro da inclusão social como também salientar a ideia das autoridades portuguesas em organizar este evento. Sou uma venezuelana casada com um cidadão de origem portuguesa, natural da ilha da Madeira, e uma leitora, “por supuesto”, do excelente jornal que publicam para a comunidade portuguesa na Venezuela. Queria através da minha carta chamar a atenção para este ‘fenómeno’ da União Europeia de só agora se lembrar de um assunto tão importante como é o da inclusão social, no seu continente e no mundo. De facto, nunca é tarde para reconhecer erros e, como diz o ditado popular, “mais vale tarde que nunca”. Queria com isto dizer que aquilo que foi feito, e muito bem, no Centro Português, na semana passada, já foi feito há muito tempo pelo presidente Hugo Chávez na Venezuela, com os resultados que estão à vista e que deviam ser aplaudidos, apesar de alguns erros cometidos... Lucy P. Fernandez

Sou uma “velha” de 73 anos de idade de origem austríaca. Vivi durante mais de 30 anos no interior da Venezuela, na calma das montanhas de Barquisimeto junto da minha família e dos meus filhos. Por doença do meu esposo. retornamos a Caracas há 4 anos, e durante este tempo tendo vivido nas imediações do vosso clube de Macaracuay, além de manter uma relação próxima com uma família de origem portuguesa por força da amizade do meu filho mais velho. Não me perguntem como chegou às minhas mãos o primeiro exemplar do vosso jornal.O que agora sei é que se trata de uma ‘visita’ obrigatória na minha casa, todas as semanas (trazido do Clube Português) pelos nossos amigos e a meu pedido. Mas escrevo porque também sou emigrante e també para dizer que revivo muitas memórias no vosso jornal através das histórias de vida, que também são parte da minha vida. Gosto de ler o jornal porque afirma aquilo que sempre disse dos portugueses na Venezuela: Trabalham como formiguinhas, calados, familiares, muito respeitosos. Sempre pensei que algum dia iram ser uma potência familiar e económica na Venezuela. E assim o são...

Com muito agrado pude ler, na edição passada do CORREIO, uma reflexão sobre a situação da comunidade num estado que parece esquecido por muitos: Portuguesa. O trabalho que ali fizeram muitos dos meus compatriotas deixou o seus frutos e hoje continuam florescendo. Residi em Guanare durante muito tempo. É uma povoação cheia de paz e com uma dinâmica diferente da que hoje vivo. Espero que continuem com este tipo de iniciativas, pois não é só Caracas que é importante para o país.

Dalia Rodrigues

W. F. Zanders

inquérito

Os comerciantes começam a instalar-se nas ruas para vender adornos de Natal, brinquedos, entre outros artigos próprios da chegada do Natal. Como é que se está a preparar para a celebração? Já adquiriu os filmes, as prendas e demais artigos para esta época? Natalia Sandoval Administradora Este ano vou partilhar com os meus familiares a chegada da minha primeira filha. Comecei a comprar tudo antes de Dezembro, agora não vamos colocar a árvore devido ao tamanho, mas mantemos outras tradições, como a ceia de Natal e as reuniões familiares.

Karina Gil Secretária Sim, aproveitei as ofertas de Outubro para comprar roupa aos meus filhos. Agora os preços subiram e há que procurar outras opções. No que diz respeito à árvore de Natal e adornos, não vou colocá-los este ano por falta de tempo, só colocarei um presépio para manter a alegria dos meus meninos e o espírito religioso das datas.

Rafael Mujica Administrador Como todos os anos, celebraremos em família, vamos viajar, mas tratando sempre de economizar. Comprei um ou outro adorno para a casa mas não costumo comprar todos os anos, guardamos e usamos os mesmos, tentando, no entanto, fazer algo diferente.

Didiana Moreno Estudante Só comprei os filmes para as crianças, comprei há bastante tempo porque sabia que os preços iam aumentar. Não comprei nada novo para a casa este ano.


24 PASSATEMPOS

correio de venezuela • 02 a 08 DE DEZEMBRO de 2010

Horóscopo

Carneiro (Março 21 a Abril 20)

SUDOKU

Touro (Abril 21 a Maio 20)

Gémeos (Maio 21 a Junho 21)

EMPREGO: Podem copiar as suas

EMPREGO: Não aja por impulso,

EMPREGO: Dará início a outras

ideias e levá-las a cabo primeiro.

use a diplomacia.

actividades, dinheiro extra.

AMOR: Aprende-se com os mo-

AMOR: Está numa etapa de tran-

AMOR: Os solteiros serão ‘apan-

mentos difíceis.

sição; não quer fechar as portas

hados’ por alguém que sempre

SAÚDE: Sentirá algum stress ao

até estar segura (o) do que quer.

esteve ali.

ver as coisas um pouco lentas.

SAÚDE: Check up médico.

SAÚDE: Problemas gripais.

CONSELHO: Fortaleça a confiança

CONSELHO: A experiência não se

CONSELHO: Comece hoje mesmo

em si mesmo e siga em frente.

adquire de forma simples.

a rodear-se de pessoas positivas.

Caranguejo (Junho 22 a Julho 21)

Leão (Julho 22 a Agosto 22)

Virgem (Agosto 23 a Setembro 22)

EMPREGO: Aceite os desafios que

EMPREGO: Ver-se-á na necessi-

EMPREGO: Está a gastar muito,

sabe que pode cumprir.

dade de aguentar uma situação

organize-se melhor.

AMOR: Se decide virar a página

tensa no seu trabalho.

AMOR: Surpresas que a farão

na sua relação, deverá estar mui-

AMOR. Conversação profunda

sentir como peixe na água.

to segura; depois não lamente.

para limar arestas.

SAÚDE: Nervosismo, stress.

SAÚDE: Controle os excessos.

SAÚDE: Dor num joelho.

CONSELHO: Nada é impossível.

CONSELHO: Tudo o que implica

CONSELHO: Faz-lhe falta ter um

Se quer, pode. Decida o êxito.

sacrifício é valorizado.

hobbie ou alguma actividade.

Balança (Setembro 23 a Outubro 22)

Escorpião (Outubro 23 a Novembro 21)

Sagitário (Novembro 22 a Dezembro 21)

EMPREGO: Alteração de estraté-

EMPREGO: Se está à procura de

EMPREGO: Ganha terreno, mas

gias talvez para gerar um ambien-

emprego, apresenta-se uma opor-

tenha cuidado com as costas.

te mais competitivo.

tunidade maravilhosa.

AMOR: Estará preocupada em dar

AMOR: Antes procurava a paixão

AMOR: Não caia no erro de com-

mais segurança ao seu par.

e a entrega, agora procura a com-

parar companheiros.

SAÚDE: Exames de sangue.

panhia e a segurança.

SAÚDE: Dores musculares.

CONSELHO: Canalize as suas

SAÚDE: Visita ao dentista.

CONSELHO: Concentre-se no seu,

energias, limpe os chacras, adop-

CONSELHO: Encha-se de ‘boas

quem quiser juntar-se, bem-vindo

te uma atitude positiva e verá a

vibrações’.

seja.

mudança.

Capricórnio (Dezembro 21 a Janeiro 20)

Aquário (Janeiro 21 a Fevereiro 19)

Nivel: Medio

Peixes (Fevereiro 20 a Março 20)

EMPREGO: Deve concentrar-se

EMPREGO: Se limitar os gastos

EMPREGO: Terá que fazer conces-

e pôr cada coisa no seu lugar.

conseguirá avançar mais rápido.

sões para sentir-se respeitada.

AMOR: Um pouco de confusão,

AMOR: Fale com o seu ‘eu’ interior

AMOR: Dê um tempo para sarar

leve as coisas com calma e sentir-

para decifrar o que quer.

feridas e verá que a vida a (o)

se-á realmente preparada(o) para

SAÚDE: Cuide do seu estômago.

surpreenderá com uma pessoa

viver o amor.

CONSELHO: A experiência não se

que realmente a (o) valoriza.

SAÚDE: Visite o oftalmologista.

adquire de forma simples.

SAÚDE: Exercícios.

CONSELHO: Propicia-se uma re-

CONSELHO: As mudanças são

união familiar e sentir-se-á bem.

para melhor.

Solução anterior


02 a 08 DE DEZEMBRO de 2010 • correio de venezuela

Publicidade

25


26 saúde Saúde ao día

Cuidado ao comer Segundo o diário Ciudad Caracas, a ingestão de água fria enquanto se ingere alimentos não é saudável para a digestão. Marcos Palacios, gastroenterologista, explica que a água fria solidifica a matéria oleosa que se acaba de consumir com a comida, o que atrasa e interrompe a digestão.

Contra o mau colesterol

Um fármaco experimental elevou o bom colesterol a níveis recorde e reduziu o mau a proporções sem precedentes, num estudo que assombrou os investigadores e renovou as esperanças de encontrar um novo método para reduzir os riscos cardíacos. No entanto, os testes continuam. PUB

correio de venezuela  02 a 08 de dezembro de 2010

ESTUDO|A doença que causa fracturas

Osteoporose afecta grande parte da população Existe uma elevada incidência da doença no país Andrea Guilarte Rincón aguilarte.correio@gmail.com

Um estudo realizado no Centro de Investigações Clínicas em Osteoporose e Doenças Metabólicas da Universidade de Carabobo, com a colaboração do Hospital Universitário Doctor Ángel Larralde de Valência, em 2009, chegou a conclusões alarmantes: “Na Venezuela, um em cada cinco pacientes que fractura os quadris devido à osteoporose é operado e morre, e de acordo com um estudo da Universidade de Los Andes, o índice de mortalidade dos não operados ultrapassa os 90%”,

Quase 80% dos venezuelanos com mais de 60 anos sofre de osteoporose

disse Gregório Riera, nefrologista, médico de medicina interna e presidente da Sociedade de Menopausa e Osteoporose. O estudo demonstra também que, da mesma forma que em países do Sul da Europa, a

ocorrência de fractura dos quadris é muito elevada, sendo este o problema mais comum no nosso país, para além de outras áreas muito afectadas, como as vértebras e as junções. Esta doença crónica, pode progre-

dir de forma discreta durante décadas, até que ocorra alguma fractura, já que não há sintomas que indiquem deterioração. Quase 80% dos venezuelanos com mais de 60 anos sofre de osteoporose. Geralmente, a osteoporose é detectada mais em mulheres, especialmente depois dos 50 anos, período durante o qual perdem grande quantidade de massa óssea devido à menopausa. Os homens também sofrem desta doença, ainda que em menor escala, e os peritos dizem que a osteoporose masculina está mal diagnosticada e insuficientemente tratada. Riera afirmou ainda que este tipo de doenças degenerativas é frequente nos países latino-americanos devido ao aumento da esperança de vida nas últimas décadas.•


desporto

02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

27

FUTEBOL|Liga Zon Sagres

Benfica pressiona mas FC Porto mantém vantagem Pedro Oliveira DN-MADEIRA

Depois do empate (1-1) no clássico de Alvalade, o líder FC Porto viu reduzida a distância pontual em relação ao Benfica, mas ainda assim, os azuis-e-brancos mantêm uma margem confortável, que pretendem manter após a recepção ao V. Setúbal, na segunda-feira. Já o Benfica, que na 9.ª jornada venceu (3-1) o Beira-Mar, em Aveiro, tem a missão de continuar a pressionar o comandante do campeonato e isso passa por novo triunfo, desta feita frente ao Olhanense, jogo que se realiza sextafeira no Estádio da Luz. A 13 pontos do FC Porto, e quase já sem pensar no título, ao Sporting cabe a luta pelo segundo lugar. Por isso, tornase proibido perder pontos na deslocação

a Portimão, este domingo. Para além desse aspecto, o Sporting têm ainda o V. Guimarães pela frente, enquanto a Académica surge logo atrás a morder os calcanhares ao leão. No dia em que realizou o jogo 1000 no principal campeonato português, o Marítimo derrotou o V. Guimarães (2-0), naquela que foi a melhor exibição da época, por parte da equipa madeirense. O Estádio dos Barreiros festejou a segunda vitória na Liga e os adeptos verde-rubros esperam que este seja um sinal de recuperação e consequente escalada na tabela classificativa. Segue-se a difícil deslocação a Coimbra, no domingo, para defrontar a Académica, equipa que está a realizar um grande campeonato. Na marcação de uma grande penalidade muito contestada pelo Nacional, o

Resultados 12ª Jornada

13ª Jornada

V. Setúbal 0-1 Académica

Benfica - Olhanense

P. Ferreira 1-0 Olhanense

V. Guimarães - P. Ferreira

Marítimo 2-0 V. Guimarães

UD Leiria - SC Braga

Sporting 1-1 FC Porto

Académica - Marítimo

Naval 0-1 Rio Ave

Rio Ave - Beira-Mar

Beira-Mar 1-3 Benfica

Nacional - Naval

SC Braga 2-0 Nacional

Portimonense - Sporting

Portimonense 1-2 UD Leiria

FC Porto - V. Setúbal

Sp. Braga abriu caminho para a vitória por 2-0, que lhe permitiu subir ao sétimo lugar. No domingo, a equipa alvi-

negra tem uma boa oportunidade para voltar às vitórias, já que recebe a Naval, ‘lanterna vermelha’ do campeonato.• PUB


28 desporto

correio de venezuela  02 a 08 de dezembro de 2010

FUTEBOL|Liga Orangina

breves

Arouca assume liderança

Candidatura Ibérica deve estar “optimista”

O seleccionador português de futebol, Paulo Bento, defendeu que a Candidatura Ibérica à organização do Mundial de 2018 deve “estar optimista com as condições” que ofereceu para a realização da prova. “São dois países que, pela qualidade do futebol que têm, pelas qualidades que oferecem a outros níveis, reúnem todas as possibilidades de ganhar”.

LUSA/CORREIO

O Arouca venceu, domingo, 28, fora de casa (1-0), no reduto do Penafiel e beneficiou dos empates do Trofense e do Gil Vicente para ascender à liderança da Liga Orangina. Contudo, o novo líder tem a companhia de trofenses e gilistas, visto que o trio de comandantes soma 16 pontos cada. Com a derrota caseira, os penafidelenses perderam uma soberana oportunidade de se isolarem na frente da classificação do campeonato, mantendo-se no entanto na perseguição, com 14 pontos somados. Mais atrás na pauta segue-se um outro trio formado pelo Leixões, Oliveirense e Sporting da Covilhã, equipas que saíram vitoriosas nos confrontos disputados, com destaque para os leixonenses e serranos que venceram os seus compromissos fora de casa. Os açorianos do Santa Clara, assumidos candidatos à subida de divisão, voltaram a desiludir, ao perderem na visita a Oliveira de Azeméis, por 2-1.• PUB

Benfica perde em Israel

O Arouca venceu na deslocação a Penafiel

Resultados da 9ª Jornada

10ª Jornada

Varzim 2-0 Feirense

FC Arouca - Varzim

Penafiel 0-1 FC Arouca

Santa Clara - Estoril Praia

Fátima 2-2 Freamunde

Feirense - Moreirense

Estoril Praia 0-1 Leixões

Sp. Covilhã - Penafiel

Desp. Aves 1-1 Trofense

Gil Vicente - Oliveirense

Moreirense 1-1 Gil Vicente

Trofense - Belenenses

Oliveirense 2-0 Santa Clara

Freamunde - Desp. Aves

Belenenses 1-3 Sp. Covilhã

Leixões - Fátima

O Benfica ficou, terça-feira, 24, sem hipóteses de se apurar para os oitavos-de-final da Liga dos Campeões depois de perder 3-0 no Israel, num jogo em que o campeão luso dispôs de uma mão cheia de oportunidades de golo. O Benfica acabou por ser traído pelos erros defensivos nas bolas paradas.


desporto

02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

29

1.ª DIVISÃO|Merengues empataram 1-1 com os Trujillanos

Esppor na batalha pela ponta

A equipa vai enfrentar os ‘aurinegros’ Carla Salcedo Leal csalcedo.correio@gmail.com

A equipa merengue do Real Esppor chegou a San Cristóbal com 33 pontos para enfrentar o seu rival mais próximo, o Deportivo Táchira, que conseguiu acumular 32 pontos no Torneio Abertura, sendo, assim, o rival mais próximo da equipa da capital. Os rapazes do ‘Chita’ precisam dos três pontos para liderar o campeonato, pelo que se prepararam durante a semana para enfrentar uma das equipas mais fortes da liga, naquele que é o penúltimo encontro da temporada.

Os tachirenses são a segunda equipa com mais torneios nacionais ganhos, tendo sido campeões seis vezes, pelo que o Esppor deverá usar todos os seus argumentos para conseguir o triunfo. O jogo será transmitido pela televisão, quer por cabo quer em sinal aberto, este domingo, dia 5, pelas 16 horas.

Diferença mínima Os merengues chegaram à jornada número 15 do Abertura com a ideia de somar os três pontos que lhes daria de novo vantagem ante o Táchira, para assim ter um jogo mais relaxado contra os andinos na jornada seguinte. No entanto, os Trujillanos chegaram ao Brígido Iriarte para refrear a festa dos caraquenhos, empatando a

A ‘fúria branca’ precisa de ganhar para manter-se na frente.

Foto: Silvia Di Frisco

TABELA DE CLASSIFICAÇÃO 1. Real Esppor

14

10

2

2

27

8

+33

2. Deportivo Táchira

14

8

5

1

28

11

+32

3. Deportivo Petare

14

7

5

2

23

17

+29

4. Trujillanos

14

7

4

3

18

10

+26

5. Caracas

13

8

2

3

19

12

+26

uma bola num jogo decisivo. Ainda que o Esppor se tenha demonstrado dominante desde os primeiros minutos, os visitantes não permitiram a chegada à baliza, pelo que o

marcador só foi inaugurado aos 75 minutos, com um golo de Cristian Cásseres. Seis minutos mais tarde, o golo teria resposta de Vélez, acabando com a celebração dos meren-

gues, e os desejados três pontos ficaram pelo caminho. Mas para além do empate, o Esppor também terminou a partida com menos um jogador, devido à expulsão directa de Javi Campos. Na mesma jornada, o Caracas F.C caiu ante o Deportivo Anzoátegui, por 3 a 0, afastando-se abruptamente dos primeiros lugares, enquanto os tachirenses ganharam os três pontos ao vencer o Aragua por 1 a 0.• PUB


30 DESPORTO

correio de venezuela  02 a 08 de dezembro de 2010

PUB

FUTEBOL|Em Valência, estado Carabobo

O terreno onde está a ser construída a réplica do Santuário de Fátima recebeu, a 31 de Outubro, um arraial que visava a angariação de fundos para a sua construção. A organização deste arraial esteve a cargo, desta vez, do Correio da Venezuela, no âmbito do seu 11.º aniversário, num encontro denominado ‘Encontro de Freguesias’. Este arraial contou com a presença de diversas entidades, tanto de Portugal como da Venezuela. A animação do evento esteve a cargo de diferentes grupos musicais, que tocaram música llanera, um grupo de gaitas e a actuação de conhecida cantora madeirense Vânia Fernandes. No dia 19 de Novembro, o programa Contacto Venezuela apresenta todos os detalhes desta celebração.

Central Madeirense revalida título no mundialito sub-12

O programa é transmitido quinzenalmente, todas as sextasfeiras, em três emissões. É produzido pela Roteiro Filmes C.A., Produtora Nacional Independente que desde Novembro de 2007 é responsável do programa Contacto Venezuela para a RTPI. Consulte o arquivo dos programas emitidos recentemente: http://ww1.rtp.pt/multmedia/ lindex.php?tvprog=17736 Sexta-feira, 3 de Dezembro de 2010. Hora venezuelana: 4:30am - 3:30 p.m. – 9:30 p.m.

roteirofilms@gmail.com

Esta sexta-feira, 3, a partir da cidade de Guatire, a Academia de Campeões continua a mostrar a segunda parte da IV Copa Polidesportiva, organizada por Guido Blanco e Aquilino López, no aniversário do programa de rádio ‘Polideportivo’. Nesta edição, o telespectador vai poder desfrutar do encontro entre La Rosa FC e o Deportivo Los Ilustres, na categoria ‘compoticas’, para além de ficar a saber quem será o campeão. Para todos, o futebol é um desporto; para muitos, é uma paixão, e para a Academia de Campeões, é o nosso compromisso, exaltando o futebol jovem da Venezuela. Todas as sextas-feiras, pelas cinco da

Sexta-feira às 5:00 p.m.

O conjunto ‘abastero’ cumpriu o seu papel de favorito e somou outra vitória ao seu já extenso palmarés Antonio Carlos da Silva F. magneticaudiovisuales@gmail.com

Foi com êxito que chegou ao fim a 7.ª edição do Mundialito de Futebol Sub-12, que decorreu no bonito campo do Centro Social Madeirense de Valência, no âmbito da celebração do 32.º aniversário desta associação lusovenezuelana. A iniciativa, que envolve todos os anos os principais clubes sociais da comunidade portuguesa do nosso país, contou, desta vez, com a participação de seis equipas, que competiram para conseguir a ‘Copa Kids Up’. A taça foi disputada em Futebol 7, um formato que ano após ano se impõe cada vez mais, no trabalho com as categorias mais jovens. Depois de uma fase preliminar de jogos de 25 minutos por cada tempo, o conjunto do Deportivo Central Madeirense conseguiu revalidar o título obtido no ano anterior, depois de sair

tarde, na Meridiano Televisión, os especialistas em desportos. Pode aderir ao grupo da Academia no facebook, onde os seus comentários serão recebidos, assim como os convites para escolas que pratiquem esta disciplina desportiva. Ou então escreva para o endereço electrónico academiadecampeones@gmail.com.

academiadecampeones@gmail.com

venezuelacontacto@gmail.com Av. Principal San Luis,Torre Mayupan, Piso 1, Ofic. 1-4, Urb. San Luis El Cafetal. Distrito CApital. Caracas-Venezuela. Zona Postal 1061

Central Madeirense volta a reinar outra vez

vitorioso do jogo com a equipa do Hermandad Gallega de Valência, com o marcador final a situar-se nos 5 a 4. Os pequenos anfitriãs do Centro Social Madeirense de Valência conseguiram também fazer boa figura, ao terminarem em terceiro lugar, graças ao triunfo ante a ACEFUV, por 5 a 2. O Centro Marítimo de Venezuela e a Casa Portuguesa de Aragua mostraram também excelentes argumentos futebolísticos, mas foram eliminados nos penalties. Mas os êxitos colhidos não foram apenas no plano colectivo, pois o esforço das crianças também foi recompensado ao nível individual: Fernando Macia, da Hermandad Gallega de Valência, foi o ‘Máximo Goleador’ do torneio, enquanto que o pequeno guarda-redes do Deportivo Central Madeirense, Héctor Acosta, foi escolhido como ‘Melhor Guarda-redes’ da competição. Por último, e após consulta prévia aos delegados de cada conjunto participante, a organização do torneio decidiu entregar o prémio de ‘Jogador Espectacular’ a Gerardo Guevara, da equipa anfitriã, que surpreendeu todos pelas suas grandes estiradas e uma excelente actuação sobre os três ‘paus’ da baliza.


desporto

02 a 08 de dezembro de 2010 • correio de venezuela

FUTEBOL|Os anfitriães ganharam 4-2

Despedida ‘diplomática’ em campo

31

Grupos da Copa Libertadores 2011 O torneio, que prevê um total de 138 jogos, vai ser disputado entre 26 de Janeiro e 21 de Junho. A partir desta edição, a prova conta com a participação do vencedor da Copa Sul-americana, que será conhecido a 8 de Dezembro.•

Os futebolistas tiveram um dia bem passado

Casa Portuguesa de Aragua e Correio da Venezuela disputaram o encontro Carla Salcedo Leal

A Casa Portuguesa do estado Aragua acolheu um jogo de futebol no âmbito da despedida do embaixador de Portugal na Venezuela, João Caetano da Silva, que se disputou entre a equipa do clube e a do CO-

RREIO. O encontro decorreu dia 27, sábado, e terminou com o marcador a 4-2 a favor da equipa da Casa Portuguesa. O público teve a oportunidade de conviver ao longo do dia com o diplomata.• PUB


O jornal da comunidade luso-venezuelana Caracas,

02 a 08 de Dezembro de 2010

www.correiodevenezuela.com

encontro com|José Ramón Barreto

Dos programas infantis à música O jovem talento aparece no grande ecrã em 2011 Andrea Guilarte Rincón aguilarte.correio@gmail.com

Dizes tudo o que pensas ou pensas em tudo o que dizes?

Digo muitas coisas que penso e penso muitas coisas que não digo. O que mais o chateia?

Com apenas 13 anos, começou a destacar-se entre os actores juvenis mais reconhecidos no país. Depois do protagonismo na série ‘Túkiti’, transmitida pela RCTV, José Ramón Barreto iniciou novos projectos fora da televisão para os mais novos, emergiu nos palcos musicais em companhia de Gabriel López, no duo Los Kchorros, e este ano participou numa longa-metragem que se estreia em 2011. Com 19 anos de idade, confessa que quis, desde muito pequeno, trabalhar no meio artístico.

A injustiça, a falta de pontualidade, as coisas feitas pela metade.

Qual ou quais são as tuas maiores paixões?

O cheiro a pão quente da p a daria perto da minha casa (risos)

O meu trabalho é a minha maior paixão, compor, actuar, estar num palco ou num estúdio de gravação. Qual o teu prato favorito?

Vários. Gosto muito de comer pizza, frango na brasa, um bom hambúrguer e cachorros quentes nunca caem mal. O que mais recordas da tua infância?

As idas aos casting com a minha avó. Vale acrescentar que nunca fiquei em nenhum. Define-te em três palavras

Responsável, comprometido e sonhador. Espero não enganar-me (risos)

O que te faz feliz?

Estar em paz comigo mesmo, saber que desfruto do que faço, o meu trabalho faz-me feliz, a minha família. Qual é a chave do êxito?

A fé, a constância, a responsabilidade e a crença em ti mesmo sem importar o que digam os outros. Quando te dizem a palavra ‘português’, qual a primeira coisa que te vem à cabeça?

Qual a tua opinião sobre a comunidade portuguesa na Venezuela?

É uma comunidade muito trabalhadora, que criou raízes neste país há muito

tempo e ama-o como se fosse seu.

Pessoa foi o protagonista 25.º aniversário do IPC

Quais são os teus novos projectos?

Neste momento, continuar com o nosso projecto Los Kchorros, esperemos que no ano que vem se concretizem alguns projectos planeados e que estão em curso. Quero continuar a proporcionar entretenimento e boa música. Que mensagem enviaria aos leitores do Correio da Venezuela, único semanário português no país?

Vou dizê-lo em português: “Continuar a fazer o melhor pão do mundo”(risos). Saudações a toda a comunidade portuguesa, temos vários amigos portugueses, até a minha namorada é. Muitos abraços.•

Ana Margarida Ramos deu uma palestra sobre a obra de Pessoa Andrea Guilarte Rincón Foto Francisco Garrett

O Instituto Português de Cultura (IPC) conta já com 25 anos de existência, e para comemorar, a comunidade reuniu-se no dia 30 de Novembro, no salão nobre do Centro Português em Caracas. A cônsul geral de Portugal em Caracas, Isabel Brilhante, o padre Alexandre Mendonça, entre outras personalidades, acompanharam os membros do instituto durante a celebração. “Este aniversário é uma forma de recordar Fernando Pessoa, a figura que inspirou a criação do IPC”, sublinhou o presidente do instituto, João Lopes da Costa, antes de dar lugar à palestra ‘Fernando Pessoa e a literatura para a infância: Encontros e desencontros’, proferida por Ana Margarida Ramos. A oradora é professora auxiliar do Departamento de

Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro, e veio ao país como convidada para a celebração, a fim de dar ao público outra perspectiva sobre a escrita de Pessoa. “Uma reflexão que destaca a faceta infantil da sua obra”, disse, recordando que no país luso os poemas do escritor ainda estão presentes no ensino dos mais jovens. Ao terminar a exposição da professora Ramos, Lopes da Costa entregou a segunda edição do Prémio IPC, Daniel Morais, a Osyelin González, que obteve as melhores qualificações na cadeira de ensino do idioma português na Universidade Central de Venezuela, o que a tornou vencedora de uma passagem aérea para Portugal. O evento contou ainda com a actuação de Katherine González, Francisco Ripoll, Luisana Andrade, Evaristo Vieira e Daniel Pacheco, emocionando o público com a interpretação de fados.•

Correio da Venezuela 386  

Edición 386

Correio da Venezuela 386  

Edición 386

Advertisement