Page 1

14.ª MOSTRA DE CINEMA BRASILEIRO

Julho 24 a 28 Com o apoio da Embaixada do Brasil

JULHO SETEMBRO

2019

Fórum Municipal Romeu Correia

PROGRAMA


Fórum Municipal Romeu Correia Departamento de Cultura Divisão de Programação e Atividade Cultural / Auditório Fernando Lopes-Graça

JULHO

Divisão de Bibliotecas / Biblioteca Municipal

Contatos Praça da Liberdade, 2800-648 Almada | Tel.: 212 724 920 dep.cultura@cma.m-almada.pt div.equipamentosculturais@cma.m-almada.pt bibl.mun.alm@cma.m-almada.pt | auditorio@cma.m-almada.pt

Auditório Municipal Fernando Lopes-Graça Programação e Gestão: Manuel Mendonça Equipa técnica: José Salgado, Rui Mamede, João Pedro, Maria João, Hermínia Soares, Fábio Pereira e Vitor Inácio

Bilheteira Quarta-feira a sexta-feira, das 14h30 às 18h00 e hora e meia antes do espetáculo. Sábados, das 15h00 às 18h00 e hora e meia antes do espetáculo. Tel.: 212 724 922

Reservas

Pelos telefones 212 724 927 / 20 /22 ou pelo e-mail auditorio@cma.m-almada.pt As reservas podem ser levantadas até 30 minutos antes do início do espectáculo. Não se efetuam reservas para espetáculos de entrada livre.

Condicionalismos de acesso Após o início do espetáculo, a entrada está condicionada pelas características e exigências específicas de cada espetáculo. Não é permitido fotografar, filmar ou gravar som dentro do Auditório, sem prévia autorização. Deve evitar-se qualquer ruído que possa prejudicar o usufruto integral do espetáculo, incomodar o público ou lesar o trabalho dos artistas e/ou dos técnicos. Solicita-se que sejam desligados telemóveis, ou qualquer tipo de avisos sonoros.

Biblioteca Municipal Horário Terça a sábado das 10h00 às 18h00 Sábado – setor infantil encerra das 13h00 às 14h00

Contatos Praça da Liberdade, 2800-648 Almada | Tel.: 212 724 920 bib.mun.alm@cma.m-almada.pt | www.m-almada.pt/bibliotecas www.flickr.com/photos/bibliotecasalmada

Informações e marcação prévia para atividades realizadas na Biblioteca: Sílvia Antunes | biblactividades@cma.m-almada.pt | Tel.: 212 724 923 Conceção Gráfica e Paginação: Câmara Municipal de Almada Impressão: Ideias Necessárias,Unipessoal, Lda. | Tiragem: 2 500 exemplares Distribuição Gratuita A programação pode ser alterada por motivos alheios a esta publicação

CINEMA

03 qua. 21h30

M/12 ENTRADA LIVRE (é necessário levantar bilhete)

HOTEL IMPÉRIO

Realização: Ivo M. Ferreira A casa de Maria sempre foi o Hotel Império, situado nos bairros tradicionais de Macau, onde há roupa pendurada nos lugares mais improváveis, como o emaranhado de fios elétricos que invade as ruas cheias de vapores. Recentemente o fardo de manter o hotel em funcionamento, com todos os seus habitantes que continuam com as suas vidas como antes, recaiu sobre os ombros de Maria. São a sua família, cresceu com eles e o hotel é a sua casa. Chu, um rapaz atraente acabado de chegar a Macau, está alojado nas avenidas iluminadas por neon desta Las Vegas oriental. Está de volta à cidade que abandonou com a mãe há mais de 20 anos. Deambula em silêncio, vem em busca de vingança e quer recuperar a herança da mãe: metade do Hotel Império do qual era proprietária com o pai de Maria. No Casino Flutuante onde Maria canta fado e mulheres dançam no varão, Maria e Chu encontram-se cara a cara e sentem uma atração imediata. Mas Maria começa a trabalhar como acompanhante e, para a impedir, Chu pode ter de lhe revelar a sua verdadeira identidade. Atores: Margarida Vila-Nova, Rhydian Vaughan, Kam Kwok Leung, Sun Jiajun, Eliz Lao, Cândido Ferreira, Tiago Aldeia Ano: 2018 Género: Drama País: China, Portugal Duração: 82 min

2 AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA


TEATRO

09 ter. 21h30 | 11 qui. 18h00 M/12

FESTIVAL DE TEATRO DE ALMADA 4 a 18 julho TEATRO DOS ALOÉS (Amadora, Portugal) LOVERS (Winners) NAMORADOS (Vencedores) De Brian Friel Mag e Joe, estudantes de liceu, enfrentam uma gravidez inesperada. A circunstância expõe o verdadeiro grau de desenvolvimento de uma pequena cidade cujos valores são reféns de uma mentalidade e de um código de conduta retrógrados e persecutórios – como ainda hoje é comum em sociedades reguladas por costumes de tradição católica. Brian Friel (1929-2015), o mais importante dramaturgo irlandês da sua geração, dedicou a sua escrita aos temas de vertente social e política. Lovers foi nomeada para os Tony Awards em 1967. Nos anos de 1980, iniciou um trabalho de adaptação da obra de Tchekov, com quem foi várias vezes comparado. Em 1991, Dancing at Lughnasa (Danças a um deus pagão) conquistou o Tony para melhor peça do ano. O texto conheceria uma adaptação para cinema com interpretação de Meryl

Streep. Na Irlanda, há um teatro, um centro de estudos teatrais e um festival de teatro internacional que têm o seu nome. Jorge Silva (n. Chamusca – Portugal, 1962), concluiu em 1987 o curso da Escola de Formação de Actores do Centro Cultural de Évora, tendo trabalhado com a Companhia de Teatro de Braga, Teatro da Malaposta, Artistas Unidos, entre outras. É co-fundador do Teatro dos Aloés, companhia com a qual levou já à cena, como ator ou encenador, textos de Shakespeare, Tchekov, Goldoni, Brecht, Lars Norén, M´Hamed Ben Guetaff, entre outros. Trabalha regularmente em cinema e televisão. Encenação: Jorge Silva Interpretação: Carlos Malvarez, Elsa Valentim, José Peixoto, Raquel Oliveira Música: Rui Rebelo Figurinos: Maria Luiz Cenografia: Rui Francisco Desenhos de Luz: Tasso Adamopoulos Tradução: Graça Margarido e Mick Greer Fotografia: Ricardo J. Vaz Design Gráfico: Beatriz Freitas Produção Executiva: Daniela Sampaio e Vanessa Pereira Duração: 90 min

AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA 3


JULHO TEATRO

15 seg. 21h30 | 17 qua. 21h30 M/12

Les Five Pays (França) e Indigo Producciones (Buenos Aires, Argentina) Co-produção Crossroad Compagnie, CIA Sudado, Invasivo Teatral, Pequeno Ato e The Cross Border Project

FESTIVAL DE TEATRO DE ALMADA 4 a 18 julho PAÍS CLANDESTINO De Florencia Lindner, Jorge Eiro, Lucía Miranda, Maëlle Poésy e Pedro Granato Resultado de uma encomenda do Festival Internacional de Buenos Aires (FIBA) e do Instituto Francês na Argentina, o espetáculo nasceu do encontro entre os autores e encenadores Maëlle Poésy (n. Paris, França, 1984), Jorge Eiro (n. Buenos Aires, Argentina, 1981), Lucía Miranda (n. Valladolid, Espanha, 1982), Pedro Granato (n. São Paulo, Brasil, 1981) e Florencia Lindner (n. Montevideo, Uruguai, 1983) no Director´s Lab do Lincoln Center de Nova Iorque, em 2014. Essa experiência de encontro na diversidade estimulou-os a prosseguir o intercâmbio, encontrando-se via Skype ou por e-mail. A cada encontro virtual falavam das suas práticas teatrais, e dos contextos artísticos e políticos em que cada um se encontrava no seu país, até que um dia começaram a fantasiar com a ideia

de realizar um projeto a cinco mãos. O espetáculo estreou em Outubro de 2017 em Santiago do Chile e depois na Argentina, inserido na edição desse ano do FIBA. Teatro transnacional documental, sobre a influência dos contextos históricos e culturais nas criações de artistas atualmente na casa dos trinta anos, trata-se de um espectáculo empático e lúdico quem mistura ficção, vivências reais, memória – famílias, guerras, ditaduras, manifestações, etc. –, dando forma a um país simbólico partilhado, em que todos se sentem na clandestinidade. Encenação: Maëlle Poésy e Jorge Eiro

4 AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA


MÚSICA

20 sáb. 21h30 M/6 6 € (Desconto 50%, jovens e reformados) ESTRADA DE SANTIAGO

Com nova formação, arranjos musicais e energias renovadas, os Estrada de Santiago já com 20 anos de existência, apresentam-se pela primeira vez no palco do auditório Fernando Lopes-Graça para a apresentação do seu primeiro trabalho discográfico de originais. Tendo na sua música influências do Pop, Fado, Rock, Jazz, Celta e instrumentos como a guitarra portuguesa e flautas, o resultado é uma fusão animada, sem perder o seu cunho tão português. A banda é composta por

6 membros, nomeadamente Bruno Coutinho na voz, João Pedro Germano nas flautas, Hugo Edgar na guitarra portuguesa, no baixo João Pereira, Rui Silveiro na bateria e João Mareco na viola. Bruno Coutinho voz João Pedro Germano flautas Hugo Edgar guitarra portuguesa João Pereira baixo Rui Silveiro bateria João Mareco viola

MÚSICA

21 dom. 17h00 M/6 6 € (Desconto 50%, jovens e reformados) A CASA DO FADO BÁRBARA SANTOS

No panorama musical começou a cantar karaoke com apenas 9 anos até que um dia experimentou cantar fado. E no dia 17 de junho de 2009 entra na escola de fado da junta de freguesia de Odivelas. Ganhou o primeiro prémio no concurso “fado dos bairros” da GEBALIS na categoria de juvenil no dia 13 de fevereiro de 2010. Um ano depois entra na escola de fado EFACA em Alverca onde permaneceu cerca de 7 meses. Alcançou o terceiro lugar nos V encontros de Fado de Almada no dia 1 de julho de 2011. Passando por várias casa de fado como Coração da Sé onde esteve residente cerca de 6 meses, Coração de Alfama, Mesa de Frades, entre outros. Participou na segunda grande gala do fado em Gondomar. Concorreu no concurso da RTP1/Rádio Amália Grande Prémio Nacional do Fado onde foi até à final trimestral. Recentemente cantou no especial Estrela da Tarde da Rádio Amália no Martin Moniz.

Barbara Santos é uma das novas cantoras de fado que começa agora a despontar e é parte integrante do projeto Saudade no Futuro. Bárbara Santos Voz André M. Santos Viola de Fado Hugo Edgar Guitarra Portuguesa

AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA 5


JULHO

CINEMA

24 qua. 21h30 M/14

INAUGURAÇÃO VAZANTE

Realização: Daniela Thomas

14.ª MOSTRA DE CINEMA

BRASILEIRO

JULHO 24 A 28 Entrada livre com bilhete

Minas Gerais. Século XIX. De volta a casa depois de longa viagem conduzindo uma tropa de escravos, António (Adriano Carvalho) descobre que a mulher morreu em trabalho de parto. Sozinho e isolado numa fazenda improdutiva, procura um novo casamento com Beatriz (Luana Nastas), uma menina muito jovem, que frustra os seus planos de ter filhos. António volta às expedições negociando escravos e gado. Sozinha na imensa propriedade, Beatriz encontra nos escravos a sua companhia. Uma traição gera uma espiral de violência que é o anúncio dos ventos da mudança. Atores: Adriano Carvalho, Luana Nastas, Sandra Corveloni, Juliana Carneiro da Cunha Ano: 2017 Género: Drama País: Portugal, Brasil Duração: 116 minutos

6 AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA


CINEMA

25 qui. 21h00 M/14 A GLÓRIA E A GRAÇA

Realização: Flávio Ramos Tambellini Graça é uma mãe solteira que mora em Copacabana com Papoula e Moreno, seus filhos de 15 e 8 anos. Trabalha com medicina alternativa e faz o que pode para se dividir entre o trabalho e os filhos. Quando descobre estar com um aneurisma cerebral impossível de ser operado, seu mundo desaba. Sem família ou qualquer pessoa para cuidar dos seus filhos, no eventual caso da sua morte, Graça resolve ir à procura do irmão, Luiz Carlos, que não vê há 15 anos, devido a uma briga. Quando se encontram, Graça é surpreendida ao se deparar com Glória – uma linda travesti, que deixou de ser Luiz Carlos há alguns anos e agora diz viver uma vida completa, como dona de um restaurante em Santa Teresa. Graça explica a sua situação à irmã e tenta persuadi-la a assumir os sobrinhos, caso o pior aconteça. Glória, no entanto, não perdoa Graça pela briga que tiveram e mostra-se irredutível em relação ao pedido. A princípio, Glória luta contra si própria para não assumir a culpa que sente ao não ajudar a irmã. Aos poucos, sensibilizada pelas circunstâncias, ela aceita se aproximar da família, conhece os sobrinhos, retoma a amizade com Graça, e percebe que talvez, para se sentir verdadeiramente completa, ela precise ser mãe. Atores: Sandra Corveloni, Carolina Ferraz, Sofia Marques, Vicente Kato, Cesar Mello, Carol Marra Ano: 2017 Género: Drama País: Brasil Duração: 94 minutos

CINEMA

25 qui. 23h00 M/14 E AÍ... COMEU?

Realização: Felipe Joffily Recém separado, Fernando (Bruno Mazzeo) não se conforma com o fracasso de seu casamento com Vitória (Tainá Muller), enquanto seu amigo Honório (Marcos Palmeira), um jornalista machão casado com Leila (Dira Paes), está desconfiado que a esposa o está a trair. Também amigo da dupla, Afonsinho (Emilio Orciollo Netto) sonha em ser um escritor de sucesso e relaciona-se com prostitutas. Juntos, vão debater e descobrir qual é o papel deles nesse mundo povoado por mulheres, sejam elas interesses amorosos ou não. Atores: Bruno Mazzeo, Marcos Palmeira, Emílio Orciollo Neto, Seu Jorge, Dira Paes, Tainá Müller, Laura Neiva, Juliana Schalch Ano: 2012 Género: Comédia País: Brasil Duração: 104 minutos

AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA 7


JULHO

CINEMA

26 sex. 21h00 M/14

CINEMA

26 sex. 23h00 M/14

TEU MUNDO NÃO CABE NOS MEUS OLHOS

FERRUGEM

Vitório, cego de nascença, é dono de uma pizzaria herdada por seu pai no tradicional bairro do Bixiga, em São Paulo, e é considerado famoso por oferecer a melhor pizza dos arredores. Vivendo uma vida feliz com a mulher Clarice e a filha Alícia, ele sente que superou todas as dificuldades da cegueira e que deu a volta por cima. Mas, ao descobrir que existe a possibilidade de voltar a ver. Vitório inicia um conflito consigo mesmo e vai ter de decidir o que fazer.

Renet, Renata e Normal são parte de uma família na qual as coisas não são ditas às claras, apenas sugeridas, a maioria das vezes caladas. O assunto sobre o qual não se fala no momento é a partida da mãe, Raquel, deixando o marido David sozinho com os filhos. Os adolescentes estudam no mesmo colégio. Ali o assunto do momento é o vídeo partilhado entre os alunos via whatsapp em que uma das garotas, Tati, aparece nua. Numa manhã, Tati reaparece na escola e no intervalo vai ao pátio e surpreende todos. David decide levar os adolescentes para a praia até as coisas de acalmarem. Encontram a praia vazia, é baixa temporada. Raquel reaparece, está grávida. Agora a família está reunida outra vez e terá que lidar com os fantasmas do passado e os silêncios do presente.

Realização: Paulo Nascimento

Atores: Edson Celulari, Soledad Villamil, Leonardo Machado, Giovana Echeverria, Roberto Birindelli, Carlos Cunha, Zé Victor Castiel Ano: 2016 Género: Drama País: Brasil Duração: 93 minutos

Realização: Aly Muritiba

Atores: Clarissa Kiste, Duda Azevedo, Enrique Diaz, Giovanni de Lorenzi, Pedro Inoue, Tifanny Dopke Ano: 2018 Género: Drama País: Brasil Duração: 99 minutos

8 AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA


CINEMA

CINEMA

M/14

M/14

27 sáb. 17h00

27 sáb. 21h00

OS TRANSGRESSORES

ANTES QUE EU ME ESQUEÇA

Documentário sobre quatro pessoas brasileiras que saíram da zona de conforto devido a indignação com o preconceito e injustiça sociais para serem «transgressores» e lutarem pelas suas causas: Paulo Freire, educador; Carlos Tufvesson, estilista e ativista LGBTQ; Celso Athayde, idealizador da CUFA (Central Única das Favelas); e Lucinha Araújo, idealizadora do Instituto Viva Cazuza, que ajuda portadores de HIV. Uma dona de casa, um advogado, um estilista e um favelado. Em comum, a indignação com a injustiça social, o preconceito e a ignorância e a decisão de mudar suas vidas em defesa das suas causas. Os transgressores vai mostrar a vida e o trabalho de quatro personagens que saíram da sua zona de conforto para enfrentar o que acham que deve ser mudado no sistema, cada qual com seu caminho.

Aos 80 anos, Polidoro resolve demolir a estabilidade de sua confortável vida de juiz aposentado e tornar-se sócio de um espaço de strip-tease. Beatriz, sua filha, resolve o interditar judicialmente. Já o seu irmão, Paulo, declara não conseguir ter uma opinião porque não mantém uma relação com o pai. O juiz determina o encontro forçado de pai e filho e a reaproximação transformará suas vidas.

Realização: Luis Erlanger

Realização: Tiago Arakilian

Atores: Danton Mello,José de Abreu, Mariana Lima, Augusto Madeira, Letícia Isnard, Guta Stresser Eucir de Souza Ano: 2018 Género: Comédia País: Brasil Duração: 100 minutos

Atores: Othon Bastos Ano: 2017 Género: Documentário País: Brasil Duração: 73 minutos

AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA 9


JULHO

CINEMA

CINEMA

M/14

M/12

27 sáb. 23h00

28 dom. 17h00

UM HOMEM SÓ

UM NAMORADO PARA MINHA MULHER

O filme conta a história de Arnaldo, que, para livrar-se da vida miserável que leva, procura uma clínica de sósias, que promete copiar pessoas. Com um sósia a ocupar o seu lugar, ele levaria uma vida nova. Mas, ao ter seu pedido negado, Arnaldo não tem outra opção senão tentar mudar o rumo da sua história. Ao se apaixonar por Josie, a rececionista de um cemitério de animais, Arnaldo acredita que encontrou uma chance de finalmente ser feliz. Mas, talvez ele esteja enganado. Um homem só é uma fábula urbana, que trata da complexidade dos relacionamentos, com boas doses de ironia e humor.

Chico (Caco Ciocler) está cansado do seu relacionamento e das reclamações da esposa, Nena (Ingrid Guimarães). Após 15 anos vivendo juntos, Chico não tem coragem de pedir divórcio. Ele decide seguir o conselho dos amigos e contrata um amante para sua esposa, o sedutor Corvo (Domingos Montagner), na esperança de que ela se envolva com ele e acabe com o casamento.

Realização: Claudia Jouvin

Atores: Vladimir Britcha, Mariana Ximenes, Ingrid Guimarães, Otávio Müller, Eliane Giardini, Milhem Cortaz, Daniel Aráoz, Cadu Favero, Aramis Trindade, Luiza Mariani Ano: 2015 Género: Comédia, Drama País: Brasil Duração: 94 minutos

Realização: Julia Rezende

Atores: Ingrid Guimarães, Caco Ciocler, Domingos Montagner, Miá Mello, Paulo Vilhena, Marcos Veras, Letícia Colin Ano: 2014 Género: Comédia País: Brasil Duração: 100 minutos

10 AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA


CINEMA

28 dom. 21h00 M/10

o paciente - o caso tancredo neves Realização: Sérgio Rezende

Os mistérios que envolvem a morte de Tancredo Neves são descortinados após mais de 30 anos de sua morte. O Paciente nos transporta-nos para os últimos dias de vida do então recém-eleito presidente e revive as angústias, o medo e a ansiedade do político quanto ao seu destino como presidente e quanto ao futuro do país. Baseado no livro homónimo, do historiador Luis Mir, o filme revela os bastidores médicos da história que abalou a política brasileira e modificou os destinos do país. Tancredo Neves poderia ter tomado posse na Presidência da República no dia 15 de março de 1985. Quem diz isso é o cirurgião Henrique Walter Pinotti, que participou de três das quatro operações do Presidente. O primeiro civil eleito depois de 21 anos de ditadura militar, principal negociador da abertura democrática do país, resistiu até o último instante a se tratar das conhecidas dores no abdómen que voltaram a atormentá-lo dias antes. Cirurgia? Nem pensar. Na véspera da posse, porém, acabou por ser convencido. Levado para ao Centro Cirúrgico do HDB, em Brasília, morre em menos de um mês, após uma sequência de quebras de conduta, equívocos clínicos, procedimentos inadequados e discordâncias entre os médicos. O que deveria ter sido a grande festa da democracia brasileira converteu-se num pesadelo de inesperadas proporções. No centenário do nascimento de Tancredo Neves, passados 25 anos de sua morte,

já estão dadas as condições para que sua história médica seja revelada. Atores: Othon Bastos, Esther Góes, Leonardo Medeiros, Paulo Betti, Otávio Muller, Otávio Muller, Luciana Braga Ano: 2018 Género: Biografia, Drama País: Brasil Duração: 100 minutos

AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA 11


SETEMBRO música

14 sáb. 21h30 M/6 6 € Desconto 50%, jovens e reformados) Isabel rato quinteto Histórias do Céu e da Terra Pianista, compositora, arranjadora e produtora na área do Jazz Português. A sua música visita universos musicais que vão do jazz à música portuguesa, à música clássica ou à world music. A pianista apresenta agora o seu novo trabalho “Histórias do Céu e da Terra”, o seu segundo disco lançado pela Editora Nischo. O disco conta com as colaborações das cantoras Beatriz Nunes e Elisa Rodrigues, do acordeonista João Barradas e do guitarrista João Rato. A música é da sua autoria e de compositores como Luís Barrigas, João Rato e também uma canção com letra de Elisa Rodrigues.

CINEMA

11 qua. 21h30 M/18 3 € Desconto 50%, jovens e reformados) THE HOUSE THAT JACK BUILT - A CASA DE JACK Realização: Lars von Trier

Estados Unidos da América, anos 70. Seguimos o inteligentíssimo Jack ao longo de 12 anos e presenciamos os crimes que o definem como um assassino em série. A sua história é-nos apresentada pelo próprio Jack, sendo cada crime pensado como uma obra de arte. À medida que a polícia se aproxima, Jack arrisca-se cada vez mais, tentando criar a sua obra prima. The House That Jack Built é uma história negra e sinistra, mas apresentada como um conto filosófico com laivos de humor. Atores: Matt Dillon, Bruno Ganz, Uma Thurman Ano: 2018 Género: Drama, Terror, Thriller País: Estados Unidos Duração: 155 minutos

12 AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA


Isabel Rato tornou-se num dos nomes femininos mais destacados da nova geração de compositores portugueses na área do Jazz. Este disco leva-nos a uma viagem pelo som expressando a sua vontade de escrever música, celebrando a música portuguesa através do Jazz. Com licenciatura em Piano Jazz na Escola Superior de Música de Lisboa, Isabel Rato teve como seu mentor e professor o pianista João Paulo Esteves da Silva. Isabel Rato - piano, composição; João David Almeida - voz; João Capinha - saxofone soprano, alto e tenor; João Custódio - contrabaixo; Jorge Moniz - bateria;

CINEMA

18 qua. 21h30

M/12 3 € Desconto 50%, jovens e reformados)

TODOS SABEM

Realização: Asghar Farhadi Laura retorna à sua terra natal em Espanha para acompanhar o casamento da irmã. Por motivos de trabalho, o seu marido argentino não pode ir com ela. Ao chegar ao local, Laura reencontra o ex-namorado, Paco, que não via há muitos anos. Durante a festa, uma tragédia acontece e toda a família precisa se unir diante de um possível crime de grandes proporções, enquanto se questionam se o culpado está ou não entre eles. Na busca por uma solução, segredos e mentiras são revelados sobre o passado de cada um. Atores: Penélope Cruz, Ricardo Darín e Javier Bardem Ano: 2018 Género: Drama País: França, Espanha, Itália Duração: 138 minutos

AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA 13


SETEMBRO música - dança

21 sáb. 21h30 M/6 1 espetáculo 8 € | 2 espetáculos 12 € 15.º FESTIVAL DE FLAMENCO DE ALMADA FLAMENCO VOSTRUM Flamenco Vostrum, é um espetáculo intimista que visa dar a conhecer a pureza e autenticidade dos tablaos flamencos. Neste espetáculo, estão representadas as distintas artes do flamenco: guitarra, cajón, canto e baile. Ao longo de aproximadamente 65 minutos o espetador terá a oportunidade de ver diferentes palos (géneros) e disfrutar de farrucas, tanguillos, bulerías... e apreciar, as diferenças entre a guitarra solista e de acompanhamento, o canto p`alante e o canto que acompanha o baile, e o baile puro de beleza e paixão. Al baile: Lucia Álvarez Al baile: Jesus Herrera Al cante: El Galli Percussões: Andres Al toque (Guitarra): Ruben Romero

música - dança 20 sex. 21h30

M/6

1 espetáculo 8 € | 2 espetáculos 12 €

15.º FESTIVAL DE FLAMENCO DE ALMADA SON & TACÓN Este projeto originário da província de Cádiz, liderado pelo guitarrista Niño Manuel, mostra-nos o flamenco puro com a inclusão de flautas que dão uma maior frescura ao repertório. As três formas de ver e sentir o flamenco: o cante, o toque e o baile, fundem-se e tornam-se espectáculo; espetáculo de vanguarda, fantasia e ilusão flamenca. Al baile: Raquel Villegas Al baile: José Carlos Marchante Al cante: Ana Gomez Flauta: Carmelo Muriel Al toque (Guitarra): Niño Manuel

14 AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA


MÚSICA

22 dom. 17h00 M/6 6 € (Desconto 50%, jovens e reformados)

O seu repertório revisita alguns dos nomes mais importantes da história do Fado, sejam eles os intérpretes, os poetas e os compositores, defendidos com uma capacidade de interpretação única, sem invenções, de uma forma simples e linear mas tão contagiante, como é a própria canção de Lisboa.

A CASA DO FADO MARGARIDA SOEIRO Margarida Soeiro representa uma das formas mais genuínas e carismáticas que o fado tem. Primeiro as tertúlias, os grupos de amigos depois as casas de fado, mas aquelas casas de fado onde a canção de Lisboa se canta de uma forma livre e espontânea.

Margarida Soeiro (Voz) André M. Santos Viola de Fado Hugo Edgar Guitarra Portuguesa

AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA 15


SETEMBRO

CINEMA

25 qua. 21h30 M/14 3 € Desconto 50%, jovens e reformados) O MAR DE ÁRVORES

Realização: Gus Van Sant Na floresta de Aokigahara, também conhecida como Sea of Trees, o americano Arthur Brennan decide pôr fim à sua vida, como muitos outros fizeram nesse mesmo local. Quando encontra um local que parece ideal, depara-se com um homem japonês ferido e perdido. Os dois homens iniciam uma viagem de reflexão e sobrevivência, juntos na floresta. Atores: Matthew McConaughey, Ken Watanabe, Naomi Watts Ano: 2018 Género: Drama País: EUA Duração: 110 minutos

DANÇA

28 sáb. 21h30

M/6 6 € (3€ para jovens e seniores)

27.ª QUINZENA DE DANÇA DE ALMADA LOS AÑOS COMPAÑIA SUNNY SAVOY | MÉXICO Coreografia de Sunny Savoy A perceção humana ao longo dos anos: com o passar do tempo a perspetiva é amplificada, transforma-se, muda, alarga-se, fica mais aguçada ou mais dispersa. A relação entre o pensamento e a ação e a forma como ela muda e se desenvolve ao longo do tempo. A luta para distinguir o que é real e o que é um produto da nossa imaginação. O conflito entre o pensar e o fazer, a confusão entre perspetivas e as diferenças entre o plano físico e o plano mental. O dilema da vida, efémera, cheia de processos que perturbam a realidade ou o tempo. A visão ou perspetiva do eu em relação às ações do outro. A contradição do nosso percurso ao longo do tempo: enfrentamos desafios para crescermos e alargarmos a nossa consciência, estando plenamente cientes do fim que nos aguarda.


TEATRO para bebés 29 dom. 11h00

Público alvo: crianças dos 6 meses aos 5 anos 5 € (2,5€ para bebés)

27.ª QUINZENA DE DANÇA DE ALMADA DE LÉS A LÉS SABERÁS QUEM ÉS EMBALARTE | PORTUGAL Criação de Ângela Ribeiro e Susana Rosendo De norte a sul, do Minho ao Algarve, navegando até as ilhas, as nossas tradições chamam por nós. Vamos descobrir a nossa terra, ninho-mãe de tantas vidas. Aqui há corações delicados, galos constipados, mares divertidos e fados bem treinados. De lés a lés, uma viagem em família à descoberta dos sons, formas, cores e tradições portuguesas. Venham ajudar a construir um ninho de memórias e divertir-se em... português! PROGRAMA COMPLETO DO FESTIVAL EM HTTP: //quinzenadedancadealmada.cdanca-almada.pt/

AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA 17


SETEMBRO

MÚSICA

29 dom. 17h00

M/6 ENTRADA LIVRE (é necessário levantar bilhete)

Concerto comemorativo do DIA MUNDIAL DA música JOSÉ VALENTE Serpente Infinita José Valente continua a percorrer um trilho desassossegado, mapeado pela constante descoberta de novas possibilidades musicais para o seu instrumento, a viola d’arco, agora com o novo álbum SERPENTE INFINITA. O disco simboliza um pesadelo ainda mais aterrador do que a denúncia metafórica sobre a liberdade no seu anterior registo Os Pássaros estão estragados. Neste caso revisita e actualiza o mito de Sísifo, explorando uma infindável combinação de estímulos, como é apanágio da música do premiado compositor: os motivos imitativos próprios da música barroca, os ritmos intensos e rápidos que fazem o heavy-metal soar; os clusters dissonantes que invadem ostinatos marcados, confundindo uma pulsação confortável; as melodias que substituem as palavras; as palavras que influenciam as melodias; as “Tisanas” de Ana Hatherly expressas pela esclarecida voz de Marta Bernardes. São estas as conjunturas musicais inovadoras que dão corpo ao que parece ser a experiência angustiada e encarcerada da humanidade na sucessão dos seus dias.

Ou seja, o quotidiano, terreno fértil para a normalização, para a apatia, para a rotina e para a banalidade, é agora o ponto de partida para este novo disco, gravado a convite do Centro Internacional de Danças e Músicas do Mundo Ibérico – Musibéria, sob a alçada da sua plataforma editorial, Respirar de Ouvido. Não é surpreendente que, neste trabalho, José Valente insista no ecletismo provocador que caracteriza a sua música. Serpente Infinita nasce dentro de uma perspectiva multidisciplinar, mas envolvida numa circunstância emocional assustada pelo sufoco que é o abrangente ramerrão do dia-a-dia. Os títulos dos vários andamentos comprovam esta sensação derrotada e derrotista: Mastigando, Todos os dias, (na) Laranja Mecânica por exemplo. O quotidiano é o pesadelo e, ao mesmo tempo, o estupefaciente que alivia a humanidade, o espetador e o músico, de um sono irrequieto e tenebroso. Em conclusão, José Valente propõe-nos uma peça por um lado obscura, por outro lado enérgica e virtuosa, carregada de nuances musicais cuidadosas, detalhadas e imprevisíveis. viola d’arco - José Valente voz - Marta Bernardes

18 AUDITÓRIO municipal FERNANDO LOPES-GRAÇA


JULHO

SETEMBRO

ATIVIDADES PARA ADULTOS

ATIVIDADES PARA FAMÍLIAS

Formação

miminhos e leituras

seg. a sáb. 16h00 Local: Sala Pablo Neruda

sáb. 11h00 Local: Setor Infantil

8

12

21

Público-alvo: adultos

Público-alvo: bebés dos 20 aos 30 meses

20€ (10€ para assinantes do Festival)

Este Chapéu Não é Meu, de Jon Klassen

O sentido dos Mestres: a máscara, pela Companhia de Teatro de Almada O encenador, ator e pedagogo Hajo Schüler – diretor artístico do grupo alemão Familie Flöz, que apresenta o Espetáculo de Honra desta edição do Festival (Dr. Nest) – dirige a sexta edição de O sentido dos Mestres, este ano dedicado à atuação com máscara. Com o apoio da Fundação Share, esta formação, destinada a profissionais de teatro, decorre entre os dias 8 e 12 de julho na Sala Pablo Neruda do Fórum Romeu Correia, entre as 14h e as 18h, integrada na programação da 36ª edição do Festival de Almada.

Programa:

8 de julho Máscara e Corpo – (…no princípio era o ato..) – A máscara neutra

O peixe roubou um chapéu. E talvez consiga ficar com ele. Ou talvez não... Quando um pequeno peixe rouba um chapéu a um peixe enorme, é possível que se esteja a meter num grande sarilho. No entanto, e contra todas as probabilidades, o pequeno peixe decide arriscar no furto, convicto de que não vai ser apanhado… A simplicidade da história assim como das ilustrações combinam mais uma vez humor visual e animais ingénuos para provocar risos traquinas.Central, convidamos as crianças e suas famílias para uma viagem, através das histórias, ao mundo fantástico dos lobos. o espirito de solidariedade. Vem decorar uma toalha com motivos próprios através de desenhos, stencils, autocolantes, entre outros materiais. Duração: 45 min Público-alvo: Bebés dos 20 aos 30 meses Lotação máxima: 12 famílias (máximo 24 participantes) Marcação prévia: Sílvia Antunes (biblactividades@cma.m-almada.pt / 212 724 923)

9 e 10 de julho Modos de representação da máscara/ Caraterizações – Respiração, focagem, tensão, jogos não verbais, figura, espaço 11 e 12 de julho Fazer teatro com máscaras – Dramaturgia visual (história(s)) – Máscaras/Figuras – Forma – Ensais e seus desenvolvimentos

OFICINA

21

sáb. 16h00 Local: Setor Infantil

Público-alvo: crianças dos 5 aos 10 anos

Os puzzles contam histórias Atividade baseada no livro Puzzles, de Sally Hewitt

Inscrição mediante o envio de CV e carta de motivação em inglês para geral@ctalmada.pt As sessões serão em inglês. Organização: Câmara Municipal de Almada | Companhia de Teatro de Almada

Por favor descobre a peça! Os puzzles, também conhecidos como quebracabeças, são excelentes como entretenimento para miúdos e graúdos. Cada peça em si é um problema que precisa de uma solução. Vem construir o teu puzzle desenhando uma história. Será que depois consegues encaixar as peças todas? Duração: 90 min Público-alvo: crianças dos 5 aos 10 anos Lotação máxima: 10 famílias (máximo 20 participantes) Marcação prévia: Sílvia Antunes (biblactividades@cma.m-almada.pt / 212 724 923)

AUDITÓRIO municipal FERNANDO BIBLIOTECA LOPES-GRAÇA CENTRAL 1919


15.ยบ FESTIVAL DE FLAMENCO DE ALMADA 20 set 21h30 SON & TACร“N 21 set 21h30 FLAMENCO VOSTRUM

Profile for Câmara Municipal de Almada

Programa Fórum Municipal Romeu Correia – julho e setembro 2019  

Programa Fórum Municipal Romeu Correia – julho e setembro 2019  

Profile for cmalmada
Advertisement