Page 1

SETEMBRO - DEZEMBRO | 2016 N.º 63/ 3.ª Série


Ação Social CLDS 3G Coruche Investe – Um ano depois Coruche + Social Campanha informativa Sénior + Ativo: Consumidor informado/Consumidor protegido EPIR – Equipa de proteção à pessoa idosa em risco Cartão Sénior – Valorizamos as pessoas

SETEMBRO - DEZEMBRO | 2016 N.º 63/ 3.ª Série

Índice

Ambiente

Editorial

3

Nota de Abertura

3

“Mobilidade inteligente. Economia forte” Semana da mobilidade em Coruche Eco Escolas: Dia Bandeiras Verdes

Destaque

4

Economia

O Natal já chegou a Coruche! Programa de Natal Câmara Municipal de Coruche aprova Orçamento e Plano Plurianual de Investimentos para 2017 Taxas Municipais 2017 Coruja do Saber – Biblioteca Móvel Municipal

4 5

InovMilho – Novo Centro Nacional de Competências para as culturas do milho e do sorgo em Coruche Carne do Sorraia vai criar novos postos de trabalho Incentivos às empresas

Atualidades

8

Coruche celebra Dia Europeu do Enoturismo EN2: nova rota turística Coruche representado no Festival de Gastronomia em Santarém Jornadas de Gastronomia e Sabores do Arroz, 32.ª Feira do Livro

8 9 9 10

Acontecimentos

6 7 7

12

Aniversário Bombeiros Municipais Bombeiras de Coruche vencem Campeonato do Bombeiro de Ferro Porque há sonhos que podemos tornar realidade Passeio dos Reformados entre Setúbal e Almada Papa envia bênção à Misericórdia de Coruche Mercado Municipal – Painéis decorativos Campeonato do Mundo de Jovens – Pesca Desportiva Festas em Honra de Nossa Senhora do Castelo

Associativismo Sociedade de Instrução Coruchense

Educação

12 12 13 13 14 14 15 16

18 18

20

Projeto Refeitório Aberto Boas-vindas no novo ano letivo Atividades nas creches municipais

20 20 20

Observatório do Sobreiro e da Cortiça Ciência Aberta em Coruche: rumo a uma política nacional Projeto de investigação na Herdade dos Concelhos apresentado em Congresso Internacional A Estratégia de Eficiência Coletiva (EEC) PROVERE revalidada Observatório recebe Fórum Nacional Retecork – A defesa dos territórios corticeiros

Desporto Powerade MTB Non Stop Series Ginasticar Gerontomotricidade

Museu Exposição 500 Anos da Procissão em Honra de Nossa Senhora Espaço identidade e memória Coleções do Museu online Exposição itinerante Arqueologia em Portugal Núcleo Rural de Coruche Centro de artes, ofícios e saberes tradicionais Bienal de Coruche l 2017 - Percursos com arte

21 21 22 23 24 25

26 26 27

28 28 29 29

30 30 31 32 33 33

34 34 35 35

36 36 36 37 37 38 38

Obras

39

Sala de Imprensa

44

Deliberações de Câmara

46

Se vive fora do Concelho de Coruche e deseja receber o Boletim Municipal contacte o Gabinete de Imprensa da Câmara Municipal de Coruche (geral@cm-coruche.pt) Ficha técnica Direção Francisco Silvestre de Oliveira | Edição e propriedade Câmara Municipal de Coruche | Coordenação Ana Marques | Redação Ana Marques, Telmo Ferreira, Paulo Matias, Tânia Prates Fotos Arquivo Fotográfico da Câmara Municipal de Coruche, Centro de Documentação Margarida Ribeiro (MMC) Revisão ortográfica: Ana Paiva | Conceção e arranjo gráfico Olhar-te, Lda. | Impressão Sersilito, Empresa Gráfica, Lda. | Tiragem 10 000 exemplares | Publicação Quadrimestral Executivo Presidente: Francisco Silvestre Oliveira | Gabinete de Planeamento e Desenvolvimento Económico; Divisão de Património, Ordenamento do Território e Desenvolvimento Urbano; Gabinete de Imprensa, Relações Públicas e Imagem; Coordenação dos Bombeiros Municipais e Coordenação do Serviço Municipal de Proteção Civil. Vice-Presidente: Maria de Fátima Raimundo Galhardo | Coordenação dos seguintes serviços da Divisão Administrativa e de Desenvolvimento Social: Cidadania, Educação e Ação Social, Matéria referente ao Desporto e às Associações Desportivas do Serviço de Associativismo, Cultura, Desporto e Turismo, Matéria relativa ao Ambiente e Refeitórios da Divisão de Espaços Públicos, Ambiente e Energia. Vereador: José Aníbal Ferreira Novais | Coordenação da Divisão de Obras e Equipamentos Municipais, Coordenação da Divisão de Espaços Públicos, Ambiente e Energia (exceto as conferidas à senhora Vereadora Maria de Fátima Raimundo Galhardo). Vereadora: Célia Maria Arsénio Barroso da Cruz Ramalho | Coordenação dos seguintes serviços da Divisão Administrativa e de Desenvolvimento Social: Núcleo Técnico Administrativo, Serviço de Atas, Gabinete de Modernização Administrativa, Balcão único, Serviço de Recursos Humanos, Serviço de Expediente, Arquivo e Biblioteca. Coordenação dos seguintes serviços do Departamento de Administração, Finanças e Desenvolvimento Estratégico e Social: Núcleo Técnico e Administrativo, Serviço de Contratação Pública e Património, Serviço de Contabilidade, Matéria referente à Cultura, ao Turismo e às Associações Culturais e Recreativas do Serviço de Associativismo, Cultura, Desporto e Turismo. Vereadores sem pelouro: José Marcelino, Isidro Rodrigo Silva Catarino, Liliana Sofia Neves Ferreira dos Santos Pinto. Atendimento público da presidência e vereação Mediante inscrição prévia na receção dos Paços do Concelho (tel.: 243 610 200) ou na Delegação da CMC do Couço (tel.: 243 650 506)

2


editorial

Nota de Abertura

Chegamos ao final de mais um ano, em plena época natalícia, uma quadra que apela a valores de solidariedade, fraternidade, família e esperança. Esperança, que temos vindo a recuperar nos últimos tempos, alicerçada por um governo e políticas diferentes. Os resultados conseguidos demonstram que existem outros caminhos governativos, para além da austeridade e do empobrecimento dos portugueses. É certo que ainda não está tudo bem, é certo que ainda existem muitas famílias que não vão ter o Natal que sonharam, mas temos que admitir que a esperança está de volta e que a conjuntura económico-social está mais favorável. Que em 2017 possamos continuar neste caminho de recuperação económica, de criação de empregos e de devolução de poder de compra aos portugueses. Nesta edição da Coruche Magazine damos-lhe a conhecer a vasta programação de Natal que preparámos para dinamizar o nosso comércio tradicional, que bem precisa do apoio de todos nós para se manter vivo. Vai haver muita música, animação de rua, o comboio de Natal e uma nova e reforçada iluminação. Aproveito para lançar o apelo a todos os coruchenses, para que façamos as nossas compras de Natal no nosso concelho, como contributo e apoio aos comerciantes locais e ao comércio tradicional. Neste boletim mostramos-lhe também quais as nossas prioridades e projetos contemplados no orçamento municipal aprovado (votos favoráveis do PS e as abstenções da CDU e PSD), no valor de 21,3 milhões de euros, o que representa um reforço de quatro milhões de euros se compararmos com o ano anterior (2016). É um orçamento com grande preocupação social, pois estamos preparados para auxiliar as famílias e a população mais carenciada. Felizmente que a situação financeira do município permite-nos encarar o futuro com otimismo, para que finalmente possamos aproveitar os fundos do quadro comunitário Portugal 2020, que estiveram paralisados até ao início de 2016. Assim, pretendemos dar continuidade ao trabalho que temos vindo a fazer desde 2002.

Como há mais vida para além dos fundos comunitários e como possuímos capacidade financeira vamos avançar por “nossa conta” com obras importantes para a população, assinalamos: ponte de Santa Justa, parque dos Lagoiços, rinque polivalente da Fajarda, Núcleo Escolar da Branca, refeitório, pavilhão gimnodesportivo e arranjos exteriores na EB 2/3 de Coruche, Casa da Cultura na Lamarosa, requalificação da margem esquerda do rio Sorraia, os campos de ténis e padel e novo relvado sintético em Santo Antonino, um vasto conjunto de requalificações e vários quilómetros de pavimentações e repavimentações, entre muitas outras que iremos trazer em breve ao vosso conhecimento. Para a capa trouxemos a “Coruja do Saber”,a nossa Biblioteca Móvel Municipal, que vai chegar aos quatro cantos do concelho; quer dizer: às seis freguesias do concelho, onde vamos fazer paragens obrigatórias nos estabelecimentos de ensino e nos centros de dia. Esta unidade móvel irá ainda disponibilizar imprensa periódica e acesso gratuito à internet. Durante a consulta do Boletim Municipal poderá ainda ver os eventos e acontecimentos que por cá aconteceram nos últimos quatro meses. Recuperamos o ano da celebração dos 120 anos da Sociedade de Instrução Coruchense, mais uma vez parabéns SIC. Mostramos também como decorreu o passeio dos reformados e aposentados do concelho. E temos ainda espaço para lhe contar o que de mais importante aconteceu nas áreas da educação, ação social, ambiente, economia e deporto, com referências de destaque ao programa do Observatório do Sobreiro e da Cortiça, bem como ao Museu Municipal. Um abraço amigo e votos de boas festas para todos vós.

Francisco Oliveira

3


destaque

O Natal já chegou a Coruche! A Câmara de Coruche lançou a campanha “No Natal Comércio Tradicional” no passado dia 12 de novembro, em parceria com a Associação de Comerciantes e colaboração com as Juntas de Freguesia, que tem como objetivo principal contribuir para a revitalização e o incentivo de compras natalícias no comércio local. Por cada 25 euros de compras feitas no comércio tradicional o cliente habilita-se a um sorteio de prémios em vouchers de compras que pode ir até aos 1 000 euros (em cheques-prenda). A campanha termina no dia 6 de janeiro (Dia de Reis) do próximo ano, sendo o sorteio efetuado no dia 21 desse mês. Paralelamente estão programadas múltiplas atividades com diversas associações culturais do concelho, que irão animar as principais artérias da vila de Coruche. Para além do tradicional comboio de Natal que percorrerá a vila entre os dias 19 e 24 de dezembro, estão previstas encenações de rua, um trono do Pai Natal com reis magos e duendes, e este ano, pela primeira vez, uma carroça tradicional de Natal a percorrer também o centro histórico. O Mercado Municipal irá receber todos os sábados, a partir de dia 10 de dezembro, a arte de cozinhar ao vivo os sabores do Natal com o showcooking da tradição. A galeria do Mercado Municipal terá patente uma exposição de presépios e uma campanha solidária de Natal organizada pelo CRIC (Centro de Reabilitação e Integração de Coruche), com a participação de artesão locais e regionais. A aposta do município em matéria de concertos foi também ambiciosa: A SIC Sociedade de Instrução Coruchense estreia a sessão de concertos com um tributo às bandas sonoras de filmes infantis, num concerto multimédia comemorativo dos 120 anos da associação. No dia 16 de dezembro, e no encerramento das comemorações dos 500 anos da Procissão em Honra de Nossa Senhora, o concerto de Natal – SACRUM PRAESEPIUM – apresentado pelo Ensemble Vox Angelis. Para finalizar, o dia 18 celebra

4

o concerto municipal “O Natal na Nossa Voz”, com a participação de Grupos Corais de Coruche e de músicos e cantores coruchenses como Beatriz Felizardo, David Carrapo, Laura Macedo e Luísa Martins. O grupo convidado, “Cantata da minha infância”, vem de Fazendas de Almeirim e é dirigido pelo Maestro Filipe Costa. Durante toda a quadra festiva as ruas da Vila de Coruche estarão iluminadas e será assegurado o tradicional som de rua com Músicas Natalícias.

O Município de Coruche deseja a todos os coruchenses e aos visitantes um FELIZ NATAL e um próspero ANO NOVO


Programa Campanha “No Natal, comércio tradicional” 12 de novembro 2016 a 6 de janeiro 2017 sorteio a 21 de janeiro 2017 Comboio de Natal 19 a 24 de dezembro Segunda a sexta – horário: 9h/13h e 15h/18h. Manhã: reservado para instituições/associações mediante marcação prévia. Tarde: público geral – gratuito. Apeadeiro: Rua 5 de Outubro, junto ao Mercado Municipal. Iluminações de Natal nas principais artérias do centro histórico Exposição de Presépios e Campanha Solidária de Natal Ao Encontro da Solidariedade Participação de centros de dia do concelho e instituições sociais do município Galeria do Mercado Municipal 3 de dezembro a 7 de janeiro 2017 Organização: CRIC – Centro de Reabilitação e Integração de Coruche

Natal das Crianças recordando grandes filmes – A Disney Spectacular (Highlights from The Little Mermaid; Beauty and the Beast; Aladin); Monsters, Inc.; Music from The Incredibles; Symphonic Highlights from Frozen; The Lion King; Highlights from Cars; Pocahontas / Tarzan; Highlights from Brave; Beyond the Sea (À Procura de Nemo); Christmas at the Movies (The Nightmare Before Christmas; Somewhere In My Memory [Sozinho em Casa]; The Polar Express); A Bela Adormecida.

16 de dezembro (sexta) 21h30 – Igreja da Misericórdia de Coruche Concerto de Natal – SACRUM PRAESEPIUM Recital de Natal apresentado pelo Ensemble Vox Angelis Concerto de encerramento das comemorações dos 500 anos da Procissão em Honra de Nossa Senhora

17 de dezembro (sábado)

Mercado Solidário Encostatamim Espaço na Rua de Santarém Organização: Encostatamim – Associação de Apoio ao Doente Oncológico de Coruche

10h – 13h Animação de rua – Carroça tradicional de Natal (Associação para o Estudo e Defesa do Património Cultural e Natural do Concelho de Coruche) – Centro Histórico da Vila Animação de rua – Trono de Natal – Rua Direita (Associação Cultural Conta Cenas) 10h – 12h “Showcooking da tradição” – a arte de cozinhar ao vivo Mercado Municipal de Coruche – Sabores do Natal 12h Degustação 15h – 19h Trono de Natal – Rua Direita Animação (Reis Magos e duendes) Associação Cultural Conta Cenas Animação do percurso de Comboio de Natal (15h às 16h30) Animação do Centro histórico (16h30 às 18h) Animação no Trono – interação com o Pai Natal (18h às 19h)

9 de dezembro (sexta)

18 de dezembro (domingo)

3 e 4 de dezembro Mostra de Natal Solidário com a participação de artesãos locais e regionais Participação da Associação de Artesãos Ternura Popular

3 de dezembro a 7 de janeiro 2017

21h30 – Salão Paroquial Serão de Tradições – “Natal no tempo dos nossos avós” Organização: Rancho Folclórico da Erra

10 de dezembro (sábado) 10h – 13h Animação de rua – Trono de Natal – Rua Direita (Associação Cultural Conta Cenas) Animação de rua – Carroça tradicional de Natal (Associação para o Estudo e Defesa do Património Cultural e Natural do Concelho de Coruche) – Centro Histórico da Vila 10h – 12h “Showcooking da tradição” – a arte de cozinhar ao vivo Mercado Municipal de Coruche – Sabores do Natal 12h Degustação 15h – 19h Animação de rua – Trono de Natal com Reis Magos e duendes Rua Direita (Associação Cultural Conta Cenas) Animação do percurso de Comboio de Natal (15h às 16h30) Animação do Centro histórico (16h30 às 18h) Animação cultural no Trono – interação com o Pai Natal (18h às 19h)

11 de dezembro (domingo) 16h Salão Paroquial de Coruche Concerto multimédia dos 120 anos SIC (Sociedade de Instrução Coruchense) Do Cinema à Música – Tributo às bandas sonoras de filmes infantis

17h – Igreja Matriz de São João Baptista Concerto Municipal “O Natal na nossa voz” Grupo Coral Juvenil de Coruche – dirigido por Rita Almeida “Os Cantares da Coruja”, coro misto da Associação para o Estudo e Defesa do Património Cultural e Natural de Coruche – dirigido por Rita Almeida Coro da Associação de Apoio ao Doente Oncológico de Coruche – Encostatamim, dirigido por Joaquim Nunes Coro da Associação Sénior de Coruche – Assecor, dirigido por Laura Macedo Participação especial de Beatriz Felizardo, David Carrapo, Laura Macedo e Luísa Martins Grupo Convidado “Cantata da Minha Infância” - Associação Cultural FazCorus - Coro Misto e Coro Juvenil de Fazendas de Almeirim, concerto dirigido pelo Maestro Filipe Costa

24 de dezembro (sábado) 10h – 13h Trono de Natal (Rua Direita) – Associação Cultural Conta Cenas Animação (Reis Magos e duendes) Associação Cultural Conta Cenas – Centro Histórico da Vila Animação de rua – Carroça tradicional de Natal (Associação para o Estudo e Defesa do Património Cultural e Natural do Concelho de Coruche) – Centro Histórico da Vila 10h – 12h “Showcooking da tradição” – a arte de cozinhar ao vivo Mercado Municipal de Coruche – Sabores do Natal 12h Degustação


destaque

Câmara Municipal de Coruche aprova Orçamento e Plano Plurianual de Investimentos para 2017 O Município conta para 2017 com um orçamento global de 21 283 813 euros, o que significa um reforço de quatro milhões de euros em relação ao ano anterior. Este foi o valor aprovado por maioria (votos a favor dos eleitos do PS e abstenções dos vereadores da CDU e PSD), em reunião de Câmara de 31 de outubro. De salientar neste valor o aumento das transferências para o Município oriundas do Orçamento de Estado, nomeadamente ao nível das transferências correntes (cerca de 384 077 euros) e das de capital, tendo o FEF de capital um aumento de 43 348 mil euros em relação a 2016. O Município de Coruche, na lógica dos investimentos que tem realizado, valoriza muito a comparticipação de projetos através do Novo Quadro Comunitário – Portugal 2020 que esteve até 2016 inoperante e que condicionou uma série de investimentos das autarquias. 2017 será o início da retoma dos projetos e investimentos cofinanciados, prevendo-se um aumento desta receita de capital em 1 069 443 euros.

PRIORIDADES E INVESTIMENTOS A autarquia define como prioridades para o próximo ano o apoio às famílias, nomeadamente através do apoio aos jovens, em programas como as bolsas de estudo, o prémio mérito escolar, os programas de apoio ao emprego e o programa Casas com Gente, mas também aos mais desfavorecidos e população sénior, através de outras iniciativas como os apoios sociais à população carenciada, com uma dotação de cerca de 50 mil euros. Ao nível dos investimentos, para o Presidente de Câmara, Francisco Oliveira, “a prioridade passa por executar projetos que estão já numa fase avançada ao nível da contratação pública e que vêm fazer face a um conjunto de infraestruturas que são uma necessidade nas seis freguesias, nomeadamente ao nível das infraestruturas rodoviárias e da requalificação urbana, mas também um reforço dos investimentos no domínio dos equipamentos desportivos e parques infantis”. Como prioridades para investimentos a executar destaca-se a reabilitação da Ponte de Santa Justa, obra que o Município vai assumir por inteiro e que orça em cerca 1,5 milhões de euros, e ainda, na freguesia do Couço, o Parque dos Lagoiços. “A ponte de Santa Justa será assumida pelo Município, ainda que estejamos a estudar a possibilidade de a integrar num futuro financiamento. Sempre referi que a nossa gestão privilegia os investimentos financiados, mas existe mais vida além dos fundos e a segurança das pessoas e bens é sempre prioritária”, destaca o Presidente Francisco Oliveira. 6

De realçar ainda nos investimentos: a construção do Núcleo Escolar na Branca; o Rinque Polivalente na Fajarda; o refeitório e arranjos exteriores da EB 2/3, em Coruche; a Casa da Cultura na Lamarosa; a Requalificação da Margem Esquerda do rio Sorraia; a construção de Campo de Ténis e Padel, em Santo Antonino, a ligação Malhada Alta/Salgueirinha (2.ª fase); a repavimentação da Rua Joaquim do Norte, a requalificação em Foros de Vale Mansos (Rua do Bacalhau, Rua Direita, Rua do Carvalheiro e Rua do Olival), a requalificação da Rua do Comércio (Rebocho), a requalificação da EM 515 no Biscainho, a Rua do Zebro de Cima na Lamarosa, a requalificação da Entrada da Vila, na Erra; a Rua de Coruche e a Rua Maria Filipa, em Santana do Mato. O Presidente Francisco Oliveira adianta ainda: “Estamos a falar de investimentos que podemos lançar até abril do próximo ano, uma vez que apenas nessa altura podemos incorporar o saldo de gerência e incluir os projetos que neste momento não têm enquadramento pela dotação orçamental disponível. Tal deve-se à própria metodologia da contabilidade autárquica, que não se coaduna com as necessidades prementes que ainda temos no nosso concelho, nomeadamente ao nível de investimentos materiais que queremos realizar.” Este é um orçamento realista, rigoroso, de proximidade com a população e que reflete a gestão que tem sido feita por este executivo: progressista nas medidas a implementar e conservador na gestão financeira.

INVESTIMENTOS AO NÍVEL DO PEDU Além das prioridades ao nível do apoio social e da requalificação urbana, a autarquia está também a realizar investimentos ao nível do PEDU – Programa Estratégico de Desenvolvimento Urbano, com financiamento comunitário, que visa enquadrar projetos de mobilidade e regeneração urbana e apoio a comunidades desfavorecidas. “Quero destacar o investimento que vamos fazer ao nível da mobilidade, com um circuito de bicicletas para acesso a equipamentos públicos que passa pela aquisição de bicicletas elétricas, para permitir uma melhor mobilidade, e pelo alargamento dos circuitos de ciclovias no concelho”, refere Francisco Oliveira.


destaque

Taxas Municipais 2017 A Câmara Municipal de Coruche aprovou a fixação da taxa de participação variável em IRS, a taxa de Derrama e a fixação das taxas de IMI para o ano de 2017. O Município alivia carga fiscal às famílias e às empresas numa lógica continuada e responsável, tendo em conta o principio da estabilidade fiscal e a posição de município familiarmente responsável. Para o Presidente Francisco Oliveira “ao mantermos a redução que temos vindo a fixar nos últimos anos na taxa de participação variável do IRS em 0.3 quando a taxa máxima é de 0.5, significa que o município deixa de arrecadar cerca de 20% da receita que teria se não aplicasse esta faculdade que a lei nos permite de reduzirmos a participação no IRS dos munícipes que tem o seu domicílio fiscal em Coruche. Em 2016, por efeito da aplicação desta medida no ano anterior, a câmara deixou de arrecadar cerca de 201 mil euros”. Acrescente-se que Coruche é o único Município do Distrito de Santarém a aplicar esta medida, favorável à população. Em relação à Derrama, a taxa mantém-se em 0,5% para o volume de negócios até 150 mil euros e 1% para os negócios superiores a 150 mil euros. A Câmara de Coruche aprovou também a taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e volta a aprovar pelo segundo ano consecutivo o IMI Familiar que prevê uma

redução do imposto municipal sobre imóveis no prédio urbano destinado a habitação própria e permanente, atendendo o número de dependentes a cargo. A Taxa de IMI deve ser fixada entre 0.30 e 0.45 de acordo com a legislação nacional. Para o ano de 2017 a Câmara de Coruche deliberou reduzir a taxa para 0.34, apesar de já termos uma das mais baixas taxas do distrito, sendo que os prédios de reduzido valor patrimonial (que abrange quem tem baixos rendimentos) se mantêm isentos de IMI por força do Orçamento de Estado para 2017, sendo que as isenções são automáticas. O Município de Coruche de acordo com o Ranking Financeiro dos Municípios Portugueses ocupa a nona posição (em 308 municípios) dos municípios que mais reduziram o IMI, contabilizando cerca de 10.7% de perda de receita.

Coruja do Saber Biblioteca Móvel Municipal Está a chegar a Biblioteca Móvel Municipal que irá percorrer as seis freguesias de Coruche e os cerca de 1100 km2 do concelho, com muitos títulos disponíveis para chegar a todos aqueles que não têm a disponibilidade de horário ou de deslocação para visitarem a Biblioteca Municipal de Coruche, localizada no centro histórico da vila. A “Coruja do Saber” levará consigo uma amostra de livros, dirigidos ao público em geral, onde os mais novos não serão esquecidos, com paragem obrigatória nas escolas e centros de dia. Mais se acrescenta que neste equipamento, que estará em pleno funcionamento no início do ano, estarão disponíveis publicações periódicas e acesso gratuito à Internet.

7


atualidades

Coruche celebra Dia Europeu do Enoturismo Coruche celebrou uma vez mais este ano o Dia Europeu do Enoturismo, com diversas atividades programadas entre os dias 12 e 27 de novembro, numa iniciativa promovida pela Recevin – Rede Europeia das Cidades do Vinho e pela AMPV – Associação de Municípios Portugueses do Vinho, entidades de que o Município de Coruche faz parte. A exposição “Coruche Vinícola e Enoturismo”, patente na Galeria do Mercado Municipal, foi inaugurada a 12 de novembro e centrou-se na relação entre o vinho, a vinha e as castas representadas no concelho, em conjunto com as suas casas agrícolas e os espaços de alojamento turísticos disponíveis no território. A relação entre a cortiça e o vinho terá sempre um papel de destaque, não fosse Coruche a capital mundial da cortiça. No dia 13 de novembro, data oficial do Dia Europeu do Enoturismo, tiveram lugar os tradicionais passeio de BTT Enoturístico, com cerca de 40km, e o passeio pedestre pelos caminhos da vinha, com aproximadamente 6km. A encerrar os dois passeios os participantes tinham à sua espera um verdadeiro magusto de São Martinho, na Galeria do Mercado Municipal, com castanhas e água-pé. Exposição

Provas de vinhos

Convívio

Passeio pedestre

Passeio BTT

8


atualidades

EN2: nova rota turística Decorreu no passado dia 5 de novembro a assinatura do protocolo de constituição da Associação de Municípios da Rota da Estrada Nacional 2, liderada pelo município de Santa Marta de Penaguião, associação de que o Município de Coruche agora também faz parte. A Estrada Nacional 2, que liga Chaves a Faro, num total de 738km pelo interior do país, pretende ser o ponto de partida para uma nova rota turística que irá promover a diversidade de território e divulgar o património dos trinta e seis concelhos que atravessa. Trata-se de um projeto pioneiro com grande potencial que tem como objetivo proporcionar aos seus visitantes uma viagem histórica com acesso a informação sistematizada sobre alojamento, restauração e produtos locais. A EN2 é a terceira estrada mais extensa do mundo, a seguir à rota 66 dos Estados Unidos da América (EUA) e à rota 40 (Argentina). Em Coruche a EN2 atravessa a freguesia do Couço, onde estão localizadas também as antas, que fazem parte do nosso Roteiro Megalítico.

Coruche representado no Festival de Gastronomia em Santarém O 36.º Festival Nacional de Gastronomia de Santarém, que este ano teve como tema geral o Sabor do Mar Português, contou com a participação de muitas empresas e entidades de Coruche presentes em stand na área de exposição agro-alimentar, ao lado de muitos outros municípios da lezíria do Tejo. Durante os sete dias do certame marcaram presença Pão e Bolinhos da Avó Joaquina, o mel de Jacinto Rodrigo e da Apicultora, os molhos e temperos Pica que se Farta, a Associação Cultural do Rebocho, os Enchidos Tradicionais da Erra e ainda os Bolinhos da Charneca. Segundo balanço da organização, o número de visitantes superou a edição anterior, registando também que o envolvimento dos municípios e os dias temáticos são opções a manter e desenvolver em 2017. 9


atualidades

Jornadas de Gastronomia e Sabores do Arroz 32.ª Feira do Livro 23 de setembro a 2 de outubro Dois fins de semana, dois momentos dedicados exclusivamente à promoção da gastronomia tradicional ribatejana e aos sabores do arroz, que os restaurantes aderentes, O Farnel, O Choupo, Sabores de Coruche e Fonte de Pau, reunidos no mesmo espaço, o Centro de Exposições de Coruche, proporcionaram. Massa à barrão, sopa de feijão frade à moda do Couço, sopa rica de bacalhau foram algumas das receitas mais tradicionais que estiveram disponíveis para degustar no primeiro fim de semana dedicado à gastronomia tradicional (23, 24 e 25 de setembro). No segundo fim de semana (30 setembro, 1 e 2 de outubro), nos Sabores do Arroz, produto da lezíria ribatejana que tão bem caracteriza o concelho, os restaurantes apresentaram iguarias da doçaria tradicional ribatejana e pratos como arroz de polvo, arroz de cabidela ou ainda paellas e risottos numa verdadeira reinvenção do conceito tradicional. Nesta edição o município de Coruche apostou forte em animação com mais concertos em palco, como foi o caso do espetáculo musical “Danço-te Amália”, da atuação da banda Mó das Nossas, do concerto com a banda Pumpkins ou ainda o concerto com Miguel Ângelo a solo. A rubrica “Sabores com saber” proporcionou também a oportunidade de chefs de cozinha reconhecidos mostrarem ao público em geral os seus segredos, utilizando marcas de arroz da região, no espaço de showcooking organizado para o efeito: Pedro Gaspar, Bruno Marcelino Carolina Sttau Monteiro foram alguns dos nomes presentes, destacando-se, naturalmente, Pedro Jorge. O minichefe coruchense mais famoso de Portugal esteve no espaço showcooking das Jornadas de Gastronomia a apresentar, passo a passo, umas deliciosas tostas com espinafres, alheira e queijo mozzarella. No seguimento do seu talento para a cozinha e coincidindo com a data de edição deste boletim, sairá um livro da sua autoria. Ainda no espaço de showroom do centro de exposições estiveram expostos produtos da fileira do arroz e indústria do setor com a presença de várias entidades do concelho e região: Dacsa Atlantic, Arrozeiras Mundiarroz, S.A., Grupo Cecílio, Tecnorizi, Lda., Orivarzea, S.A., Valente Marques, SGPS S.A. e Cota Arroz.

32.ª Feira do Livro Em simultâneo e no mesmo espaço do Centro de Exposições a Feira do Livro voltou a realizar-se em Coruche, com autores convidados, apresentação de novas obras e sessões de leitura dedicadas aos mais novos. Do programa da feira destacamos a presença da jornalista da TVI, Conceição Queiroz, que apresentou o seu novo livro “A vida privada das elites do Estado Novo”, e do jornalista e comentador desportivo Fernando Correia, que trouxe a Coruche o seu novo romance. Para os mais novos houve várias sessões de leitura e espetáculos com a apresentação da ”Festa de Contos”, da Companhia de Teatro Encena de Paraíba-Brasil, numa parceria com o FITIJ, Festival Internacional de Teatro para a Infância e Juventude, que decorreu em simultâneo em Santarém, e ainda a peça infantil “Alice no país das maravilhas”, pela companhia de teatro Rituais DellArte, que fez as delícias dos mais novos.

À conversa com Fernando Correia

10

Encontros com o autor Nuno Caravela

À conversa com Madalena Formigo

Apresentação do livro “José Júlio – Vida e Tauromaquia”

À conversa com Conceição Queiroz


atualidades

Carolina Sttau Monteiro

Pedro Jorge

Bruno Marcelino

Pedro Gaspar

Cláudia Marques

Nair

Sabores com saber

“Festa de Contos”

“Danço-te Amália”

Mó das Nossas

Pumpkins

Miguel Ângelo a solo

Ús sai de gatas

Alice no País das Maravilhas

Espaço de restauração

Exposição da fileira do arroz e indústria do setor

11


acontecimentos

Aniversário Bombeiros Municipais No passado dia 5 de outubro foram comemorados os oitenta e oito anos do Corpo de Bombeiros Municipais de Coruche. O programa das comemorações começou pelas 10h00 da manhã com a tradicional formatura no cemitério e respetiva homenagem aos bombeiros falecidos. A cerimónia prosseguiu na Praça da Água, no Parque do Sorraia, com a receção às entidades oficiais e sessão solene com a imposição de condecorações aos bombeiros e bênção de novo veículo, no caso uma nova ambulância de socorro.

Bombeiras de Coruche vencem Campeonato do Bombeiro de Ferro O Porto acolheu a IV edição do Campeonato do Bombeiro de Ferro e a equipa de cinco bombeiras (Patrícia Teles, Teresa Rita, Sónia Alves, Beatriz Bernardes, Liliana Morais) do Corpo de Bombeiros Municipais de Coruche obteve o 1.º lugar na classificação, do escalão 1 - Feminino, estando por isso de parabéns. A competição desenrolou-se ao longo de quatro estações, testando a perícia e a condição física e psicológica dos bombeiros em tarefas ilustrativas do seu quotidiano, numa luta constante contra o tempo. As provas foram realizadas em ambiente controlado e competitivo, em que os bombeiros, envergando o equipamento de proteção individual, incluindo o aparelho respiratório, realizaram uma série de tarefas desafiantes. Subir em continuidade vertical, elevar material, montar e enrolar linhas de mangueira, resgatar vítimas, transpor obstáculos, transportar equipamentos, foram alguns dos desafios que testaram a sua robustez física e mental. 12


acontecimentos

Porque há sonhos que podemos tornar realidade Este foi o tema da campanha de Responsabilidade Social do Grupo Mosqueteiros (Lojas Intermarché, Bricomarché e Roady), que decorreu em parceria com a Liga dos Bombeiros Portugueses. A venda do livro infantil “As profissões de um Bombeiro”, entre 25 de julho e 31 de agosto, nas lojas deste grupo, deu origem a uma verba aplicada na aquisição de 500 aprestos destinados a 100 corporações do país, tendo a Corporação de Bombeiros Municipais de Coruche recebido cinco equipamentos de proteção individual de combate a incêndios em espaços naturais/florestais. A entrega destes equipamentos foi realizada por Américo Brás, do Intermarché de Coruche, ao Comandante dos Bombeiros Municipais de Coruche, Luís Fonseca, no Quartel dos Bombeiros Municipais.

Passeio dos Reformados entre Setúbal e Almada O Passeio dos Reformados levou este ano 1680 seniores de Coruche a passear, numa viagem organizada pelos concelhos de Setúbal e Almada. O passeio começou sempre pela paisagem única do Parque Natural da Serra da Arrábida, com uma primeira grande paragem no Mercado do Livramento, localizado no centro da cidade de Setúbal. Aqui, para além das características inerentes ao próprio edifício, com o seu estilo Art Deco e os painéis representativos das atividades locais, a qualidade do peixe e os frescos apresentados nas bancas impressionaram os seniores, que se entretiveram entre a azáfama diária do mercado e o bulício da cidade. Depois da pausa para almoço, o destino seguinte foi o recinto do Santuário Nacional de Cristo Rei, onde foram registados momentos de admiração pela imensa vista que este lugar proporciona. O final de tarde de boa disposição e de momentos de verdadeira fruição terminou sempre num passeio à beira-mar, na Costa da Caparica, onde pelo menos uma senhora confessou que via o mar pela primeira vez! Só por isso já valeu a pena. Um Passeio de Reformados que irá ficar certamente na memória de todos.

13


acontecimentos

Papa envia bênção à Misericórdia de Coruche No passado dia 13 de março, no terceiro aniversário do Pontificado do Papa Francisco, o Grupo Pastorinhos de Fátima da Capelania da Santa Casa da Misericórdia de Coruche organizou um concurso intitulado:“Uma compota para o Papa Francisco”, no Centro de Exposições em Coruche. Estiveram a concurso 75 compotas da região, sendo vencedora a confecionada pelas Monjas de Belém, que foi enviada ao Santo Padre, como presente de aniversário. Na sequência deste envio publicamos aqui um extrato da carta de resposta do Santo Padre, via Secretaria de Estado do Vaticano.

“O início do quarto ano do Pontificado do Papa Francisco coincidiu com a publicação da sua Exortação “A alegria do amor”, para bem de todas as pessoas, incluindo os elementos do Grupo de Oração Pastorinhos de Fátima da Capelania da Santa Casa da Misericórdia de Coruche que quiseram, por intermédio do seu capelão, assinalar a efeméride com a oferta da melhor compota encontrada na região, congratulando-se com o serviço do Sucessor de Pedro, incansável sementeira de misericórdia e ternura em corações humanos duvidosos e incertos sobre o Céu que a vida lhes roubou. Com estes sentimentos, o Santo Padre acolheu a significativa prenda de felicitações recebida de seus irmãos e amigos de Coruche, a quem agora agradece pedindo para continuar a rezar por ele. Por sua vez ele confia a Nossa Senhora as necessidades e intenções da Santa Casa da Misericórdia de Coruche e de quantos vivem à sua sombra e, como penhor de misericórdia e paz divinas sobre os seus passos, concede-lhes a Bênção Apostólica.” Mons Paolo Borgia Assessor

Vaticano, 08 de setembro de 2016

Mercado Municipal – Painéis decorativos No dia 13 de agosto, data em que foram iniciadas oficialmente as Festas em Honra de Nossa Senhora do Castelo, foi inaugurado no interior do Mercado Municipal de Coruche um conjunto de painéis decorativos que retratam imagens do quotidiano de algumas das atividades económicas do concelho: a pesca, a cultura do milho, do arroz, do tomate, da beterraba, a tirada da cortiça, a vinha, a condução de gado. Os painéis de azulejos decorativos são da autoria de José Esteves, “Relvas” (1927-2005). O autor, com uma longa carreira como modelador e ceramista, foi admitido como desenhador na Câmara Municipal de Coruche em 1981, no entanto o seu trabalho desenvolveu-se com maior incidência na área das artes plásticas, com a execução de muitas peças que ainda hoje podemos apreciar em diversos pontos da vila. A família direta de José Esteves marcou presença nesta data.

14


acontecimentos

Campeonato do Mundo de Jovens Pesca Desportiva Portugal subiu ao pódio nas três categorias! Coruche foi, uma vez mais, palco de um campeonato internacional de pesca desportiva em água doce, este ano no segmento jovem e nas categorias sub14 e sub23, realizado no rio Sorraia em Coruche, e sub18, em Santa Justa no Couço, com os representantes nacionais a subirem ao pódio em todas as categorias, o que significa que estão todos de parabéns e que o evento foi um sucesso. Na categoria de sub14 Portugal ganhou a medalha de bronze, na classificação por equipas. Relativamente à categoria sub18, que decorreu em Santa Justa, no Couço, Miguel Encarnado sagrou-se campeão do mundo e Pedro Marques obteve a medalha de bronze. Na classificação por equipas, a medalha de prata ficou também para a equipa da casa. Relativamente à categoria de sub23, a equipa portuguesa obteve a medalha de prata na classificação coletiva. Um excelente resultado neste Campeonato do Mundo de Pesca Desportiva, que trouxe 288 atletas num total de 15 equipas, desde o dia 2 de agosto, data em que começaram os treinos, a 7 de agosto, último dia da competição, acompanhados dos respetivos treinadores, famílias, amigos, com uma clara repercussão positiva para a economia local do concelho.

Treinos em Santa Justa

Treinos em Coruche

Desfile de abertura

Cerimónia de abertura

Encerramento 15


acontecimentos

Festas em Honra de Nossa Senhora do Castelo As Festas de Coruche ficam sempre na memória de quem visita a vila por estes dias e este ano não foi exceção. Durante seis dias delirantes a programação chamada profana, visto que as celebrações religiosas se iniciam a 6 de agosto, encheu as medidas dos coruchenses e dos forasteiros que visitaram a vila por estes dias. Muito haveria para contar sobre as festas. Aqui recordamos os principais destaques. Muita animação taurina no centro histórico com três dias dedicados à tourada à corda, largadas, condução de cabrestos e picaria. Os concertos de David Antunes, Carminho, Carlão encheram o Parque do Sorraia e o mesmo aconteceu no dia da padroeira com o Festival de Folclore “António Neves”. A noite de 14 de agosto foi imperdível pelo estrondoso fogo de artifício sobre o rio Sorraia e o dia do aficionado contou também com a segunda edição do desfile de tertúlias, que se tornou um momento indispensável no programa das festas. O Cortejo Histórico e Etnográfico, este ano com o tema “Da natureza à cultura, 500 anos de devoção a Nossa Senhora”, foi naturalmente um dos pontos altos da festa, evocando também a comemoração dos 500 anos da tradicional Procissão em Honra de Nossa Senhora (1516-2016), que teve lugar no dia 15 de agosto, com a presença de D. José Alves, Arcebispo de Évora. Novenas

Procissão

Festival de Folclore António Neves

Bênção das tertúlias

Largadas

Desfile de tertúlias

16


acontecimentos

Cortejo Histórico e Etnográfico

Cortejo Histórico e Etnográfico

Condução de cabrestos

Largadas

Carminho

Carlão

The Red

17


associativismo

Sociedade de Instrução Coruchense Um ano de comemorações Origem e fundação A Sociedade de Instrução Coruchense, criada a 9 de abril de 1896, é a mais antiga associação constituída em Coruche. Foi fundada por Artur Peixoto Ferreira (Landal), juntamente com David Augusto da Silva Sousa, Miguel Teotónio Mendanha, João Maria Gonçalves Júnior, António Lopes de Carvalho e Joaquim Valério dos Santos. Na formação da Banda estavam maioritariamente trabalhadores por conta própria: alfaiates, sapateiros, barbeiros, funileiros, marceneiros, etc., que, por disporem do seu próprio tempo, podiam ir a ensaios e participar em concertos. A partir da década de trinta a Associação sofre alguns diferendos internos e a gestão da mesma acaba por ser entregue à Câmara Municipal de Coruche, até aos anos setenta, funcionando única e exclusivamente com subsídios oficiais. Abril de 74 traz também novos ventos e novos associados, nomeadamente elementos femininos, que passam a fazer parte da Banda. Será a partir desta data que a associação passou a designar-se também Sociedade de Instrução Coruchense.

1896 – 2016 120.º Aniversário Na sessão de Câmara de 6 de abril de 2016, a Câmara Municipal deliberou, por unanimidade, reconhecer os 120 anos de existência e atribuir um Prémio de Mérito Cultural à Sociedade de Instrução Coruchense, que durante este ano de aniversário apresentou um programa com diversas iniciativas, das quais destacamos alguns momentos, para além da assídua participação da Banda nas Festas em Honra de Nossa Senhora do Castelo, corrida de touros e outros eventos pontuais. A 9 de abril foi apresentado o “Concerto Comemorativo dos 120 anos SIC” no Salão Paroquial, a 23 de abril a SIC promoveu um concerto com a artista coruchense Ana Roque no pátio do Museu Municipal de Coruche. No dia 1 de maio, na Praça de Touros, foi tema a “Aficcion Coruchense” com a participação do grupo de flamenco Al-Kompás. O mês de julho recebeu o concerto “Ópera em Coruche”, com a participação do tenor Carlos Guilherme, na praça da Água, que verdadeiramente encheu as medidas dos coruchenses. Um conjunto de prestações muito positivas, na opinião do Maestro Carlos Silva, que destaca também a boa aceitação por parte do público que procurou marcar presença nestes concertos. E para que a história da SIC perdure, importa também falar do presente e do futuro. A Associação continua a desenvolver um meritório trabalho na formação e educação musical dos jovens coruchenses. Na escola de música com cerca de 20 alunos, entre os sete e os vinte e cinco anos, são lecionadas aulas, gratuitamente, todos os sábados de manhã. No entanto, não é inédito encontrar também os membros mais velhos da Banda, que ali vão reavivar alguns conhecimentos, estabelecendo uma relação de partilha com os mais novos. Também de nomear o trabalho de catalogação louvável que está a ser realizado de há dez anos a esta parte, que conta até à data com 1300 obras devidamente tratadas e protegidas, com partituras com cerca de 100, 80, 70 anos de existência. À data de fecho desta edição a SIC prepara o concerto de Natal, espetáculo multimédia “Do cinema à Música”, num tributo às bandas sonoras de filmes infantis, que no dia 11 de dezembro, pelas 16h, encerrará as comemorações destes 120 anos de existência. A nós, público, resta-nos marcar lugar e assistir ao empenho dos trinta elementos da banda e do seu maestro e esperar que o próximo ano nos traga tão boas prestações como as que assistimos este ano. Parabéns SIC!

Concerto “Ópera em Coruche” 18


associativismo Carlos Guilherme e Maestro Carlos Silva, em “Ópera em Coruche”

Ana Roque

Concerto das Festas do Castelo

“Afficion Coruchense” com a participação de Al-Kompas

“Concerto Comemorativo 120 anos SIC”

“Afficion Coruchense”

19


educação

Projeto Refeitório Aberto Sabe que pode ir almoçar com o(a) seu(sua) filho(a) ao refeitório? O Município de Coruche procura incentivar hábitos de alimentação saudável elaborando para isso ementas escolares variadas que promovam a educação para a saúde e combatam doenças como por exemplo a obesidade infantil.Para que o projeto seja um sucesso é fundamental a participação de toda a comunidade educativa, nomeadamente a colaboração dos pais e encarregados de educação, e por isso foi criado o dia do “Refeitório Aberto”. Cada pai ou encarregado de educação tem direito a usufruir, uma vez por período letivo, da refeição no estabelecimento de ensino que o(a) seu(sua) educando(a) frequente. Basta que compre previamente a refeição no Balcão Único (Paços do Concelho) ou na Delegação do Couço. O preço da refeição é o estipulado para os refeitórios dos serviços e organismos da Administração Pública e Local, nos termos do disposto no Decreto-lei 57-B/84 (3,00 euros). Aceita o desafio?

Boas-vindas no novo ano letivo Na abertura do ano escolar o Presidente da Câmara Municipal de Coruche, Francisco Oliveira, e a Vereadora da Educação, Fátima Galhardo, deram simbolicamente as boas-vindas aos alunos do Centro Escolar de Coruche, desejando um bom regresso às aulas para todos os alunos de Coruche.

Atividades nas creches municipais As atividades dinamizadas nas creches municipais tiveram dois momentos assinalados em datas específicas, como por exemplo a celebração do Halloween e o Dia da Alimentação. Aqui ficam expressos os registos felizes das crianças.

20


ação social

CLDS 3G Coruche Investe – Um ano depois Este programa está no terreno desde 26 de outubro de 2015, com uma duração prevista de 36 meses, e pretende promover a inclusão social dos cidadãos, de forma multissetorial e integrada, através de ações a executar em parceria, por forma a combater a pobreza persistente e a exclusão social. Logo, destina-se à comunidade em geral, com maior incidência na população idosa e nos jovens, e é realizado através das seguintes atividades: • Redes colaborativas – Criar redes colaborativas que facilitem a divulgação e venda dos produtos locais, envolvendo empresários de várias áreas de negócio do concelho de Coruche. • GEPE – Grupo de entreajuda para a procura de emprego – Pretende ser um espaço de encontro semanal de partilha de informação, entreajuda e promoção de competências para a empregabilidade. • Jovem criativo – Pretende-se desenvolver a criatividade, autonomia e trabalho em equipa nos estudantes do ensino secundário, facilitando-lhes o acesso a um conjunto de competências que serão fundamentais à sua futura vida profissional. • Eu+ e Eu+ Jovem – Estimular competências pessoais, sociais e de empregabilidade, melhorando padrões de comportamento e incentivando estilos de vida facilitadores da inserção (através de metodologias ativas), permitindo uma maior consciencialização das pessoas desempregadas dos seus interesses, limitações e competências. • Histórias com vida – Combater a solidão/isolamento social de pessoas idosas e alertar a comunidade local para a problemática, através de ações de sensibilização, da criação de uma exposição itinerante e da elaboração de um livro com histórias de vida. • Dar+ – Promover o Banco Local Voluntariado, sensibilizando a população residente para a importância da prática do voluntariado, através de ações de sensibilização, formação a voluntários, desenvolvendo atividades utilizando instrumentos como: contacto telefónico semanal e visitas regulares entre pessoas voluntárias e idosas em situação de isolamento identificadas pela EPPIR. • Ateliers seniores – Promover ações socioculturais, envolvendo vários agentes locais, que contribuam para o envelhecimento ativo e a autonomia das pessoas idosas. • EPPIR – Equipa proteção à pessoa idosa em risco – Prevenir o isolamento social, solidão, marginalização, maus tratos e situações que apresentem uma ameaça ao bem-estar da pessoa idosa através da sensibilização da comunidade para a sinalização das pessoas idosas à EPPIR, bem como proporcionar a capacitação dos técnicos da EPPIR. • Engenheiros cívicos – Promover estilos de vida saudáveis e de integração social através da estimulação de competências necessárias ao exercício de uma cidadania plena das crianças e jovens do concelho. • Espaço família – Apoiar famílias na informação sobre os seus direitos e na definição e aquisição de estratégias práticas que ajudem a ultrapassar as crises familiares e acontecimentos de vida marcantes, possibilitando o bem-estar emocional e o equilíbrio familiar, através do aconselhamento em situação de crise nas várias áreas de intervenção da equipa técnica.

• Crescer – Promover a autonomia e inclusão social de jovens adultos que não trabalham nem estudam, através do desenvolvimento de competências pessoais, sociais, parentais e de gestão doméstica. • Mediar – Promover estratégias de gestão de conflitos familiares nas famílias em risco de pobreza e/ou exclusão social. • Atelier Encontros d’Artes – Dinamização de ateliers sociorrecreativos e culturais com carácter social e comunitário em parceria com entidades e encontros de partilha de saberes e experiências. • Rede juvenil – Promover a cidadania ativa dos jovens do concelho através da sua participação cívica em temáticas ligadas ao desenvolvimento social local. • Vai e vem – Promover a mobilidade de idosos em situação de isolamento e exclusão social a serviços públicos de utilidade pública.

A apoiar o desenvolvimento das atividades está uma equipa técnica constituída por uma Assistente Social/ Coordenadora, uma Gestora de Empresas, uma Psicóloga Clínica, uma Educadora Social, uma Animadora Sociocultural e uma Administrativa. Para mais informações: Morada: Largo de Valadares, n.º 1, 2100-112 Coruche Tel: 243 677 219 / 960 466 095 E-mail: cldsmaiscoruche@caritascoruche.pt Facebook: Clds-Coruche-Investe Site: http://caritascoruche.pt/ 21


ação social

Coruche + Social

Autarquia Familiarmente Responsável 2015 e 2016 O Município de Coruche tem disponíveis diversos programas que dão resposta a áreas que são consideradas prioritárias no que diz respeito às necessidades da população e que vão de encontro às solicitações que são realizadas por parte dos munícipes.

Educação São trinta e seis o número de Bolsas de Estudo que a Câmara Municipal disponibiliza anualmente aos estudantes residentes no concelho de Coruche com aproveitamento escolar que pretendam iniciar ou prosseguir estudos no ensino superior, com o valor mensal de 200,00 euros por mês, durante 10 meses. Visa assim proporcionar aos alunos com o 12.º ano de escolaridade completo, pertencentes a agregados familiares com fracos recursos económicos, a possibilidade de iniciarem ou prosseguirem estudos no ensino superior. Destas bolsas, 20 são suportadas diretamente pela Câmara Municipal de Coruche, sendo as restantes 16 bolsas, designadas por Bolsas NEOEN, financiadas por um conjunto de sociedades que operam na área da energia solar fotovoltaica, com as quais o Município assinou, em 2013, um protocolo de colaboração. Relativamente à Educação (para o ano letivo de 2016/ 2017) foram já atribuídos auxílios económicos às famílias mais carenciadas para a aquisição de manuais e material escolar. Para o escalão A foram atribuídos 171 vales no valor de 70 euros e para o escalão B, 103 vales no valor de 35 euros perfazendo um total de 15 575 euros. Foram também aprovadas reduções em mensalidades, em 50%, de seis alunos carenciados que frequentam a Creche da Azervadinha e a Creche da Quinta do Lago. Tendo em conta que o insucesso escolar é uma realidade transversal à sociedade dos dias de hoje, que se caracteriza por ser duramente competitiva, afetando de um modo muito particular os jovens, a Câmara Municipal decidiu premiar os alunos que se destacaram no ano letivo transato com o “Prémio de Mérito Escolar 20/20”, incentivando os jovens a prosseguir os estudos com empenho e obter boas classificações nos mesmos. Em fevereiro de 2016, 15 alunos da Escola Secundária do Agrupamento de Escolas de Coruche e da Escola Profissional de Coruche receberam um prémio no valor de 250 euros cada.

22

A Câmara Municipal atribuiu também no final do ano letivo transato cinco bolsas para participação de alunos do ensino secundário nas Universidades de Verão com o valor unitário de 150 euros cada. Considerando as iniciativas promovidas pelas instituições de ensino superior, no sentido de incentivar os jovens a terem um contacto direto com a vida académica, é do interesse do município que os jovens do concelho não sejam excluídos por motivos de carência sócio e económica.

Habitação O programa Casas com Gente é um dos diversos programas promovidos pela autarquia mais solicitado e que se destina, em traços gerais, a incentivar o arrendamento ou aquisição de imóveis como forma também de reabilitar o património edificado. Relativamente ao apoio à aquisição foram atribuídos, este ano, 4578 euros. Relativamente ao arrendamento, foram despendidos 44 891 euros. Continua a decorrer o Programa Municipal de Apoio à Melhoria do Conforto Habitacional, que se destina à atribuição de materiais de construção para reconstrução, ampliação, alteração ou conservação de habitações de agregados familiares carenciados. Ainda na área da habitação foram cedidos recentemente dois fogos de renda social na freguesia do Couço. Estes fogos de habitação social, propriedade da Câmara, estão disponíveis para proporcionar a agregados familiares com fracos recursos económicos a possibilidade de melhorarem a sua qualidade habitacional e, consequentemente, a sua qualidade de vida. Os fogos destinam-se aos agregados familiares que reúnam cumulativamente as seguintes condições: não possuam habitação própria; a habitação em que residam não seja adequada à satisfação das necessidades do seu agregado familiar, designadamente seja degradada ou esteja sobrelotada; tenham um rendimento per capita igual ou inferior ao salário mínimo nacional e não possuam bens móveis ou imóveis suscetíveis de gerarem rendimentos significativos.


ação social

Emprego Ainda relativamente ao apoio a programas de emprego, foram disponibilizados pela autarquia 110 572 euros destinados à medida contratos CEI – Contrato Emprego Inserção, em parceria com o IEFP, Instituto de Emprego e Formação Profissional.

Instituições particulares de solidariedade social Durante o ano de 2016 foram atribuídos pontualmente diversos apoios a instituições e entidades de cariz social do concelho de Coruche, perfazendo um total de 31 916 euros. Estas verbas permitiram que as mesmas pudessem concretizar alguns dos seus objetivos, nomeadamente no que concerne ao apoio às famílias.

Apoio a estratos sociais desfavorecidos Relativamente aos auxílios económicos prestados às famílias e apoios sociais a população carenciada, expressos em categorias tão diversas como apoios à renda de habitações, aquisição de medicamentos/tratamentos de saúde, aquisição de óculos, passes sociais/transportes escolares, apoios a deficientes, frequência de estabelecimentos de ensino especial, a Câmara Municipal participou com um valor total de 36 833 euros.

Campanha informativa Sénior + Ativo: Consumidor informado/Consumidor protegido A DECO (Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor), com o apoio do Fundo para a Promoção dos Direitos dos Consumidores, promoveu uma ação de informação designada “Sénior + Ativo: Consumidor informado/Consumidor protegido”, no Auditório do Museu Municipal de Coruche, com a colaboração do Serviço de Ação Social da Câmara Municipal de Coruche e o CLDS 3.ª Geração da Cáritas Paroquial de Coruche. Esta campanha tem como objetivo reforçar a informação e a formação dos consumidores seniores, possibilitando-lhes o acesso a produtos e serviços em condições de equidade com a restante população. O intuito destas ações é contribuir para um envelhecimento ativo e saudável, inclusivo da sociedade portuguesa, combatendo as desigualdades sociais, reforçando a educação e a informação do consumidor sénior, capacitando-o com as competências que lhe permita conhecer os seus direitos, exercendo-os com confiança.

A Câmara Municipal de Coruche, em parceria com o IEFP, Instituto de Emprego e Formação Profissional, com a NERSANT, Associação Empresarial, disponibiliza também apoio nas diferentes áreas, no mesmo gabinete localizado nas instalações municipais do Rossio. Consulte as respetivas datas e horários.

Os módulos versaram sobre os seguintes temas: Saber comprar: conselhos e cuidados a ter nas compras; Alerta: práticas enganosas e agressivas; Serviços essenciais: os seus direitos enquanto sénior; Serviços financeiros: cuidados e benefícios para seniores; Vida mais saudável: cuidados e benefícios para seniores; Lar doce lar: os seus direitos enquanto sénior; Saúde: direitos e benefícios para seniores; Lazer e turismo: direitos e benefícios para seniores. Recordamos que a DECO está disponível para atendimento gratuito em Coruche, na primeira terça-feira de cada mês, nas instalações municipais do Rossio (10h/13h – 14h/17h). Marcações para accao.social@cm-coruche.pt ou através do telefone 243 660 047. 23


ação social

EPIR – Equipa de proteção à pessoa idosa em risco Trata-se de uma equipa de trabalho multidisciplinar, que visa promover os direitos das pessoas idosas e adultas dependentes (casos específicos ou de carácter prioritário), residentes no concelho de Coruche, que se encontrem em situação de isolamento social, solidão, marginalização, maus tratos e situações que apresentem uma ameaça ao seu bem-estar e segurança através de um acompanhamento à pessoa idosa e à família. Esta equipa procura também sensibilizar a comunidade em geral para questões ligadas às pessoas idosas, à sua proteção, à divulgação de boas práticas e ao envelhecimento ativo, tendo em conta o elevado número de pessoas idosas do concelho. De referir que, neste momento, a equipa já está a intervir em algumas situações sinalizadas. Este projeto envolve no momento as entidades seguintes: - ASSECOR – Associação Sénior de Coruche - Associação de Solidariedade Recreativa e Cultural Biscainhense - Associação de Solidariedade Social da Fajarda - Associação de Solidariedade Social de São José da Lamarosa - Cáritas Paroquial de Coruche - Câmara Municipal de Coruche - Centro Distrital de Segurança Social - CRIC – Centro de Reabilitação e Integração de Coruche - Centro Social e Paroquial Nossa Senhora da Conceição da Branca - Guarda Nacional Republicana - Junta de Freguesia da Branca - Junta de Freguesia do Couço - Santa Casa da Misericórdia de Coruche - Serviço Municipal de Proteção Civil - UCC – Ponte para a Saúde – Coruche

A denúncia pode ser anónima! Vamos todos contribuir para a proteção e bem-estar das pessoas idosas do nosso concelho! Consulte os contactos que disponibilizamos: Largo de Valadares, n.º1 2100-112 Coruche Telefone: 243 677 218 Email: protecaoidoso.coruche@gmail.com

24


ação social

Cartão Sénior – Valorizamos as pessoas A imagem dos estabelecimentos aderentes ao Cartão Sénior foi renovada, com mais cor e alegria presente nas montras do comércio local.

serviços que proporcionam outras soluções a este segmento da população, em alternativa ao sistema nacional de saúde.

O cartão, para além de possuir uma rede de estabelecimentos comerciais onde os seniores, com idade igual ou superior a 65 anos, beneficiam de descontos muito convidativos, inclui dois serviços inovadores pelas parcerias que foram estabelecidas com duas entidades em particular e que vigoram desde 2013, data em que estas foram implementadas: a Empresa Ribatejana e a Rede Multicare através do Grupo Fidelidade/Caixa Geral de Depósitos. A empresa transportadora participa no Cartão Sénior, disponibilizando o Passe Sénior com descontos de 50%. Para aderir ao Passe Sénior, que terá uma renovação anual, basta apresentar o Cartão Sénior Municipal. Um projeto inédito que foi implementado pela primeira vez em Coruche.

Este cartão tem a grande vantagem de não possuir limites de idade para subscrição, nem limites de permanência, nem exclusões em termos de histórico de saúde. Vantagens acrescidas relativamente àquelas que são apresentadas pelos seguros de saúde tradicionais. Tem um acesso alargado à rede de prestadores Multicare, com consultas e tratamentos acessíveis que se estendem a outras áreas como os tratamentos de beleza e a estada em termas.

A Fidelidade/Multicare/Caixa Geral de Depósitos disponibiliza, através de uma parceria com a Associação Sénior de Coruche – Assecor, por uma quantia anual de 18 euros,

Recordamos que os portadores deste cartão terão descontos de 50% em taxas e tarifas municipais, nomeadamente no valor da recolha de resíduos sólidos. Os seus aderentes podem contar ainda com acesso gratuito a todas as atividades culturais, recreativas e desportivas promovidas pela autarquia e isenção total de taxas no acesso às piscinas municipais.

25


ambiente

“Mobilidade inteligente. Economia forte” Semana da mobilidade em Coruche À semelhança do que tem acontecido desde 2006, o município de Coruche associou-se, mais uma vez, à Agência Portuguesa do Ambiente (APA) para promover a campanha Semana Europeia da Mobilidade (SEM). Organizada anualmente, esta iniciativa tem como objetivos propor alternativas sustentáveis aos cidadãos, explicar os desafios com que se confrontam as cidades e vilas de forma a induzir uma mudança de atitudes e progredir na implementação de uma política de transportes mais sustentável na Europa. Cada edição da Semana Europeia da Mobilidade foca-se num tema particular relacionado com a mobilidade sustentável. O tema deste ano, “Mobilidade inteligente. Economia forte”, visou chamar a atenção dos benefícios de um correto planeamento e de uma utilização racional dos transportes para a economia local. Com vista à promoção da melhor mobilidade na vila de Coruche, têm vindo a ser tomadas medidas de ordenamento e promoção de mobilidade sustentável. Em 2016 destacam-se: A aprovação de uma candidatura FEDER e do Plano de Ação de Mobilidade Urbana Sustentável para implantação de um circuito de bicicletas partilhadas que estarão disponíveis em vários pontos centrais da vila de Coruche e cujo objetivo principal é promover a mobilidade sustentável dos munícipes, promovendo uma interligação entre vários modos de transporte. Foi igualmente aprovada uma candidatura para conclusão da ciclovia entre Coruche e a localidade da Erra. A ciclovia atual foi construída apenas até ao Monte Velho e pretende-se estendê-la até à Erra, uma vez que se trata de uma zona privilegiada para a utilização da bicicleta, não só por ser uma zona plana mas também por se enquadrar na zona da lezíria, que em termos ambientais deve ser valorizada. Continuidade do Plano de Promoção da Acessibilidade, ferramenta de gestão da acessibilidade fundamental que permite alcançar um aumento da qualidade de vida para todos os cidadãos. Possibilita programar, executar e avaliar as ações no âmbito da via pública, edifícios, transportes e comunicação de forma integrada e abrangente, de acordo com a metodologia Design for All ou Design Universal, contribuindo para a inclusão social de todos os cidadãos. As atividades da Semana Europeia da Mobilidade, direcionadas à comunidade escolar, decorreram entre 26 e 30 de setembro e foram desenvolvidas em parceria com a GNR de Coruche. Em diversos estabelecimentos de ensino foi instalada uma gincana que permitiu abordar áreas temáticas relacionadas com o consumo verde e com a particularidade de ser percorrida pelas crianças com karts. Para o público em geral foi ainda organizada a FUN RUN, no dia 18 de setembro, onde os participantes foram desafiados a passar por obstáculos naturais e artificiais. Esta atividade fez parte do calendário do projeto MAIS LEZIRIA da CIMLT. 26


ambiente

Eco Escolas: Dia Bandeiras Verdes No dia 30 de setembro, em Aveiro, assinalou-se o Dia Bandeiras Verdes – Galardão Eco-Escolas, onde é reconhecido o trabalho de todos os que contribuíram para tornar mais sustentável o dia a dia da escola e da comunidade onde esta se insere. No concelho de Coruche foram atribuídos galardões referentes ao ano letivo 2015-2016 aos seguintes estabelecimentos de ensino: Creche da Azervadinha, Creche da Quinta do Lago, EBI/JI do Couço e ainda EB de Coruche. Estes são os registos da comitiva que representou a EBI/JI do Couço e o Agrupamento de Escolas de Coruche, em Aveiro.

27


economia

InovMilho – Novo Centro Nacional de Competências para as culturas do milho e do sorgo em Coruche A assinatura do protocolo de constituição e funcionamento do InovMilho, novo Centro Nacional de Competências das Culturas do Milho e Sorgo, realizou-se no dia 28 de setembro, na Estação Experimental António Teixeira, numa parceria entre a Anpromis (Associação Nacional de Produtores de Milho e Sorgo), o INIAV, I.P. (Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária), e a Câmara Municipal de Coruche, com a presença do Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos. Trata-se de um novo espaço de investigação, de pesquisa, que irá unir todos os atores desta fileira numa estratégia comum de produção de conhecimento aplicado a estas duas culturas em particular. O objetivo do InovMilho é a “elaboração de uma agenda de investigação para as culturas do milho e sorgo que sirva de orientação às políticas públicas e a promoção da competitividade desta fileira através do uso racional e mais eficiente dos fatores de produção. (…) O InovMilho contribuirá também para a avaliação dos parâmetros qualitativos e de rendimento industrial do milho nacional e apoiará os agricultores na seleção de variedades mais aptas à alimentação do efetivo leiteiro nacional. O Centro dará ainda o seu contributo ao incentivo de novas utilizações do milho e sorgo, nomeadamente na área da alimentação humana e na produção de materiais biodegradáveis”. São cerca de trinta e cinco as entidades parceiras do novo centro, entre universidades, institutos politécnicos, associações ligadas à fileira da produção e transformação do milho e do sorgo, que irão colaborar em diversas iniciativas previstas nos objetivos concretos deste projeto. A cultura do milho ocupa no país uma área de cerca de 130 mil hectares e Coruche é o quarto concelho com maior área de cultivo de milho, ultrapassando os 4000ha. A assinatura deste protocolo decorreu no âmbito de um Dia de Campo organizado pela Anpromis, onde decorre já o projeto de investigação aplicada Sanimilho, numa parceria com várias empresas que apresentaram no local a evolução dos ensaios já instalados. Este é o segundo centro de competências localizado no concelho, dado que o Centro de Competências do Sobreiro e da Cortiça, criado em 2014, tem sede no Observatório do Sobreiro e da Cortiça, em Coruche.

28


economia

Carne do Sorraia vai criar novos postos de trabalho A empresa Carne Sorraia, unidade industrial do sector das carnes localizada na Zona Industrial do Monte da Barca, vai avançar com a ampliação das suas instalações, prevendo um investimento de cerca de 3 milhões de euros e a contratação de aproximadamente trinta novos postos de trabalho, a partir do 2.º trimestre de 2017, a juntar aos 25 já existentes. Segundo António Ferreira, sócio-gerente da empresa: “Investimos em Coruche porque é a nossa terra. A partir daqui queremos levar o nosso produto de qualidade a vários pontos do mundo, e isto só é possível com uma equipa motivada, por isso a nossa aposta também é criar boas condições de trabalho.” A unidade de transformação, inaugurada em 2009, tem na sua área de negócio a produção de produtos de salsicharia e charcutaria, tendo por base a carne de porco. Atendendo às novas tendências e exigências de mercado, o futuro da sua produção irá passar pela diversificação do produto, com uma forte aposta na salsicharia à base de carne de aves, que se destina sobretudo ao mercado interno, dando resposta à procura deste tipo de produto pelas grandes superfícies. Mas o grande desafio deste projeto de investimento passará também pela internacionalização da empresa, investindo fortemente em mercados como a Europa e Norte de África, com o objetivo de que este represente 50% do seu volume de negócios em 2018.

Incentivos às empresas A Nersant, Associação Empresarial da Região de Santarém, realizou no passado dia 21 de setembro, no auditório do Museu Municipal, uma sessão de esclarecimento dirigida às empresas do concelho, onde disponibilizou informação pormenorizada sobre os projetos em desenvolvimento pela Associação, bem como todas as novidades no âmbito dos incentivos do Portugal 2020, pretendendo munir os empresários da região de dados sobre as áreas e os apoios atualmente disponíveis para uma melhoria contínua da sua atividade. Consulte mais informações sobre esta matéria em http://sitiodoempreendedor.nersant.pt/

29


observatório do sobreiro e da cortiça

Ciência Aberta em Coruche: rumo a uma política nacional O Observatório do Sobreiro e da Cortiça recebeu nas suas instalações uma iniciativa destinada à comunidade educativa e ao público em geral no âmbito dos princípios para uma Política Nacional de Ciência Aberta, lançados pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior: “O acesso ao conhecimento é um direito fundamental e um fator de valorização e mobilidade social e de democratização. As comunidades associadas à produção e à curadoria do conhecimento, à imagem da sociedade em geral, devem ter um papel responsável e fundamental na promoção, valorização, divulgação e partilha do conhecimento.” O programa, que teve lugar no passado dia 26 de outubro, contou com várias apresentações teóricas no auditório, sobre o sobreiro, árvore nacional de Portugal, e o seu ecossistema, seguindo-se uma sessão prática no laboratório, com o intuito de dar a conhecer o que não se vê à vista desarmada. No final das sessões teóricas realizou-se ainda uma visita de campo onde decorreram algumas atividades relacionadas com a análise dos solos. Esta iniciativa foi organizada numa parceria entre a Câmara Municipal de Coruche, o INIAV (Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, I.P.) e a UNAC, União da Floresta Mediterrânea.

30


observatório do sobreiro e da cortiça

Projeto de investigação na Herdade dos Concelhos apresentado em Congresso Internacional No passado dia 30 de Setembro, no World Congress Silvo-Pastoral Systems 2016, em Évora, foi apresentada pela professora Manuela Branco, do Instituto Superior de Agronomia, uma comunicação sobre o estudo desenvolvido na Herdade dos Concelhos, referente aos dados das capturas de insetos realizadas nas várias armadilhas instaladas na área ardida. Esta investigação resulta de um protocolo estabelecido entre a Câmara Municipal – Observatório do Sobreiro e da Cortiça e a Associação para o Desenvolvimento do Instituto Superior de Agronomia com o intuito de continuar o projeto iniciado em 2013 que tem como objetivo a melhoria do conhecimento da ecologia do sobreiro, mais concretamente através do estudo dos efeitos do fogo e da gestão pós-fogo em povoamentos florestais desta espécie, afetado por incêndios. Os resultados preliminares do projeto já tinham sido apresentados por investigadores do Centro de Ecologia Aplicada Prof. Baeta Neves (Instituto Superior de Agronomia), na Conferência Internacional Medecos XIII, organizada pela Sociedade Internacional de Ecologia Mediterrânica (Isomed), que decorreu em outubro de 2014 em Olmué, no Chile. Este ano o projeto foi premiado com o galardão “UNCCD Campeões das Zonas Áridas 2016 Portugal”. De realçar ainda que o Município de Coruche foi parceiro da organização do Congresso Internacional Sistemas Silvo-Pastoris 2016, promovido pelo ICAAM – Universidade de Évora, tendo organizado uma visita de campo, que incluiu o montado, a indústria e o Observatório do Sobreiro e da Cortiça.

31


observatório do sobreiro e da cortiça

A Estratégia de Eficiência Coletiva (EEC) PROVERE revalidada A candidatura Estratégia de Eficiência Coletiva (EEC) PROVERE O Montado de Sobro e da Cortiça obteve decisão de aprovação, por deliberação da Comissão Diretiva do Alentejo2020 de 12 de outubro de 2016. Esta candidatura conserva as linhas gerais da anterior estratégia, mantendo o recurso endógeno (cortiça/montado) e o foco temático em torno da valorização do montado de sobro e cortiça. Deste modo, o Programa de Ação da EEC PROVERE O Montado de Sobro e Cortiça 2014-2020 apresenta uma estrutura baseada em cinco eixos ou macroprojetos (MP), cada um dos quais composto por um projeto âncora e vários projetos complementares. Estes macroprojetos transcrevem as necessidades encontradas para o território, aos quais se associam objetivos estratégicos, designadamente: MP1 – Coordenação e gestão; MP2 – Rede montado de sobro e cortiça: Implementar ações territorializáveis na área de abrangência do PROVERE e desenvolver uma rede de cooperação entre entidades presentes no território como forma de superar a escassez de economias de escala e de aglomeração; MP3 – Marketing e animação territorial: Desenvolver e implementar ações de marketing e de animação territorial que facilitem o reconhecimento e a valorização local, nacional e internacional do montado de sobro e da cortiça; MP4 – Conhecimento e inovação: Fomentar o conhecimento sobre o montado de sobro e sobre a cortiça passível de contribuir para o aumento da competitividade das atividades económicas a eles associadas, através da aposta em investigação, desenvolvimento e inovação (ID&I); MP5 – Qualificação e internacionalização: Promover o potencial do montado de sobro e da cortiça pela qualificação do produto, dos processos e dos recursos humanos do setor e pela afirmação destes recursos em redes e mercados internacionais. Os cinco eixos ou macroprojetos apresentam objetivos alinhados com as propostas de melhoria elencadas no âmbito do processo de avaliação, destacando-se: (i) a criação de novos mecanismos de participação dos consortes e stakeholders da fileira da cortiça; (ii) o envolvimento dos produtores florestais e empresários do setor, quer em termos de novas estratégias de marketing quer no âmbito de promoção e partilha de investigação e tecnologia; (iii) a integração em redes e parcerias internacionais visando o alargamento da cadeia de valor do montado, tendo subjacente a dimensão da qualificação (ao nível do produto, processo e recursos humanos); e (iv) o reforço do papel estratégico do Observatório do Sobreiro e da Cortiça, sobretudo na dinâmica de ligação aos projetos âncora. Acresce, também no âmbito das recomendações do processo de avaliação, o alargamento da área de abrangência/ intervenção do PROVERE às cinco NUTS III da região Alentejo, com representatividade em 27 concelhos da região. Em face deste enquadramento, as medidas e projetos propostos no contexto do Programa de Ação totalizam cerca de 52 milhões de euros para a região e visam aumentar a competitividade do território abrangido, encontrando-se alicerçadas na valorização do recurso endógeno, aportando-lhe valor e alavancando as potencialidades económicas associadas ao sistema do montado, com impactos positivos estimados em matéria de criação de emprego. O próximo passo será apresentar a candidatura para a Coordenação e Gestão da Parceria (MP1) de modo a dinamizar a parceria e acompanhar de forma mais direta todos os envolvidos. 32


observatório do sobreiro e da cortiça

Observatório recebe Fórum Nacional O Observatório do Sobreiro e da Cortiça acolheu o Fórum Nacional "A floresta que precisamos…”, organizado pela Ordem dos Engenheiros, em colaboração com a UNAC – União da Floresta Mediterrânica. A iniciativa, que decorreu em três localidades diferentes, reservou Coruche para o primeiro local deste fórum, representando a região sul. A norte a sessão decorreu no dia seguinte, a 12 de outubro, na Ordem dos Engenheiros, no Porto, e a sessão nacional teve lugar cinco dias depois, na Ordem dos Engenheiros, em Lisboa. O programa de trabalhos decorreu durante todo o dia, com inúmeras intervenções sobre a floresta portuguesa, a problemática dos fogos, rentabilidade, conservação e produção, soluções de gestão e ordenamento do território. A organização pretendeu “promover uma discussão aberta e participada, que identificasse, no âmbito dos inúmeros estudos e planos estratégicos já produzidos e no mais atual conhecimento científico e opções de gestão, um conjunto de recomendações prioritárias de política florestal, tendo convidado especialistas e investigadores capazes de trazer à discussão o que pode fazer a diferença no futuro da floresta em Portugal”.

Retecork – A defesa dos territórios corticeiros

© APCOR

No passado dia 27 de outubro os membros da Comissão Executiva da Retecork (Rede Europeia de Territórios Corticeiros) reuniram-se em Ponte de Sor para efetuar o balanço das ações realizadas no ano transato e programar as linhas estratégicas para 2017. Foram abordados diversos temas relacionados com o âmbito da Rede, como por exemplo o Cork-Touring, projeto de valorização social e turística das paisagens corticeiras que aguarda financiamento disponibilizado pela Fundação Biodiversidade. Foram também debatidos novos desafios e propostas relacionadas com o novo quadro comunitário 2020, nomeadamente de intercâmbio cultural entre membros dos quatro países da Retecork (Portugal, Espanha, França e Itália). O encontro foi presidido pelo Presidente da Câmara Municipal de Coruche e da Comissão Executiva da Rede, Francisco Silvestre Oliveira, e marcaram presença diversos representantes portugueses e espanhóis desta Rede de Territórios Corticeiros. Note-se que a Retecork, composta por mais de 50 sócios de Espanha, Portugal, Itália e França, quer representar e defender os interesses das coletividades territoriais com presença no setor da cortiça; contribuir para a valorização e difusão do legado cultural e patrimonial vinculado a esta atividade e visa o desenvolvimento sustentável local a nível económico, social e ambiental. Recentemente foi disponibilizada através do projeto Corklandtour a plataforma www.visitterritorioscorticeiros.pt, onde poderá descobrir e ajudar a promover a diversidade e a realidade dos municípios da cortiça, conhecendo a sua riqueza patrimonial. Não deixe de visitar o Município de Coruche em www.visitterritorioscorticeiros.pt

33


desporto

Powerade MTB Non Stop Series 16 atletas representaram o Município de Coruche Parabéns aos atletas das quatro equipas (ARZ BikeTeam, Cracks do Pedal, Montibike e Strix Bike Team) que representaram o Município de Coruche na maratona BTT que liga Madrid a Lisboa e respetivas equipas de assistência que lhes deram apoio, em particular à equipa da Strix Bike Team que arrecadou o 2.˚ lugar na categoria Municípios e 4.˚ lugar nas equipas de quatro elementos. Esta foi já a quarta edição da Powerade MTB Non Stop Series - Madrid Lisboa, que este ano teve lugar entre os dias 30 setembro e 2 de outubro. As inscrições registaram um número recorde de participantes: 778 inscrições

34

representando 278 equipas (a solo, de dois, três e quatro elementos). A maioria dos atletas inscritos são de nacionalidades portuguesa e espanhola mas a maratona contou também com atletas de mais de uma dezena de países da Europa e do continente americano. O arranque desta prova ibérica teve lugar em Las Rozas (Madrid) e Coruche foi novamente a última etapa antes da meta, no Parque das Nações. O Posto de Hidratação situado junto ao Pavilhão Desportivo Municipal recebeu ininterruptamente os atletas que por aqui passavam, muitos deles em grande esforço, para percorrer os últimos trilhos antes da chegada à meta no Parque das Nações.


desporto

Ginasticar Este projeto tem como objetivo principal, de uma forma lúdica, promover atividades no âmbito da expressão motora, tendo em conta a importância desta no desenvolvimento motor, cognitivo e social das crianças. Destina-se às crianças dos 3 aos 6 anos das creches e jardins de infância municipais, com sessões semanais, em regime de codocência entre um técnico do Serviço de Desporto e as Educadoras de Infância das respetivas salas.

Gerontomotricidade Teve início no dia 1 de setembro a nova época do projeto Gerontomotricidade, com a participação de 160 utentes nas modalidades de Ginástica de Manutenção e Hidroginástica. À semelhança do que aconteceu no ano passado, este projeto estendeu-se também às freguesias nestas duas modalidades. A Ginástica de Manutenção regista um maior número de utentes. A freguesia da Branca conta com 45 utentes inscritos, Santana do Mato tem 25 e Lamarosa 10 utentes. Quanto às inscrições na hidroginástica, embora com menos expressão nas freguesias, conta também com cerca de 40 inscrições.

35


museu

www.museu-coruche.org

Museu Municipal de Coruche Exposição 500 Anos da Procissão em Honra de Nossa Senhora Está patente ao público no Museu Municipal desde o passado dia 5 de agosto a exposição temporária comemorativa dos 500 Anos da Procissão em Honra de Nossa Senhora em Coruche. Partindo da evocação da ordem de D. Manuel I, datada de 1516, para que se fizesse por todo o reino uma procissão em honra de Nossa Senhora, é traçada a história da devoção a Nossa Senhora do Castelo, da Irmandade, da ermida, do pagamento das promessas e da Procissão de 15 de agosto. Nesta exposição retrata-se um aspeto incontornável do património e da identidade cultural coruchense, que não é indiferente aos que mantêm uma qualquer relação com estas terras. A exposição tem entrada livre e pode ser visitada até ao dia 7 de janeiro de 2017.

Espaço identidade e memória Desta fotografia pouco se sabe, apenas que foi captada em 1924 em Coruche. O que vemos: um grupo de meninas pousa para a fotografia, sentadas à máquina, todas da Singer, uma das mais conhecidas marcas de máquinas de costura. A distância da época em questão pode dificultar a identificação destes rostos, mas outras informações são igualmente relevantes. Porque estão aqui agrupadas estas pessoas e com que propósito? Foi um acontecimento isolado ou eram habituais estas reuniões? Por quem eram promovidas e até quando aconteceram? 36


museu

Coleções do Museu online O Museu Municipal disponibiliza para consulta online parte do seu acervo museológico. O acesso é feito a partir do site do Museu, em www.museu-coruche.org, e a informação será alvo de uma constante atualização. Estão desde já acessíveis os Fundos Margarida Ribeiro, Vidigal Pais e Maria Isabel Vieira Pereira, bem como os jornais O Coruchense (1889-1891) e O Sorraia (1.ª série 1929-1934; incompleta) e documentação antiga de Coruche. Ao mesmo tempo, disponibiliza-se o catálogo bibliográfico do Centro de Documentação, onde vai encontrar uma biblioteca especializada e de acesso público, de consulta presencial durante o horário do Museu.

Exposição itinerante Arqueologia em Portugal A 16 de setembro Coruche acolheu, no passeio público da Avenida Luís de Camões, a exposição itinerante Arqueologia em Portugal: recuperar o passado – em 2015, uma iniciativa promovida pela Direção-Geral do Património Cultural (DGPC), que ficou patente ao público até 9 de outubro. Em termos nacionais são anualmente realizadas mais de 1500 intervenções arqueológicas e identificados importantes sítios arqueológicos, cuja informação passa, na grande maioria dos casos, despercebida do público em geral, pelo que esta exposição objetiva a sua divulgação científica. Ou seja, procura promover o conhecimento gerado pela arqueologia e sensibilizar o público em geral através da apresentação de algumas das mais importantes intervenções e descobertas arqueológicas realizadas em todo o território, continental e insular, no ano de 2015. De entre elas, o destaque para a intervenção arqueológica no sítio pré-histórico do Cabeço do Pé da Erra, integrado no Projeto ANSOR - Antropização do Vale do Sorraia, que conta com o apoio do Município de Coruche.

Apresentação do projeto por Maria Catarina Coelho, Diretora do Departamento de Bens Culturais da DGPC.

Exposição itinerante Arqueologia em Portugal: recuperar o passado – em 2015 37


museu Núcleo Rural de Coruche - Centro de artes, ofícios e saberes tradicionais A convite do Grupo de Trabalho dos Museus Rurais do Sul, o Museu Municipal de Coruche organizou no passado dia 4 de novembro o III Colóquio de Museus Rurais do Sul.

requalificação do antigo quartel dos bombeiros o espaço privilegiado para o acolhimento e exposição de alfaias agrícolas de grandes dimensões.

Uma jornada de trabalho com cerca de quatro dezenas de participantes, maioritariamente técnicos de museus, mas também professores universitários e demais interessados em questões relativas ao património cultural e à museologia contemporânea, que assentou na partilha de conhecimentos e de diferentes experiências museológicas em contexto rural.

Na exposição de longa duração registam-se as profundas alterações ocorridas nas paisagens do vale do Sorraia e as mudanças económicas, sociais e culturais vivenciadas pelas comunidades coruchenses durante o longo processo de mecanização da agricultura no território.

Relevamos a visita guiada, por Aníbal Mendes, ao Núcleo Rural de Coruche, um projeto que decorre de um percurso de investigação, salvaguarda e valorização patrimonial que o Museu Municipal tem vindo a desenvolver no domínio da ruralidade e do mundo agrícola e que encontra na

Sessão de boas vindas e Nota de abertura: o caminho da Rede, por Miguel Rego (Museus Rurais do Sul)

No Centro de artes, ofícios e saberes tradicionais a partilha do saber-fazer, associado aos ofícios tradicionais, pretende reavivar memórias e identidades mas também identificar-se como espaço de experimentação, objetivando a transmissão de conhecimentos através do forte envolvimento da comunidade, em colaboração com as associações culturais locais.

Jorge Custódio e João Luís Sequeira (APAI), A Era da energia a vapor em Portugal – o caso agrícola

Bienal de Coruche l 2017 - Percursos com arte Está em preparação mais uma edição da Bienal de Coruche – Percursos com Arte. Em 2017 voltaremos a incidir na abordagem artística da Instalação. À semelhança do que tem acontecido é objetivo deste concurso intervir num percurso urbano de cariz rural pré-estabelecido, onde as obras selecionadas tenham, nas suas variadíssimas formas de expressão, um impacto e uma presença significativa no meio e lugar escolhido. Com esta edição, em termos temáticos, pretende-se reforçar a articulação entre a obra e o contexto da sua inserção, criando uma simbiose entre a obra artística e o espaço que a envolve. O percurso desvia-se, nesta próxima edição, para o rio e a sua margem direita, a jusante do centro da vila, com um possível apontamento na entrada poente/oeste do centro histórico. A relação com os valores urbanos e arquitetónicos permanece de forma mais discreta, no entanto o olhar não se consegue abstrair das infraestruturas que paralelamente o acompanham acrescentando uma mais-valia ao estímulo dos artistas. Consulte as normas de participação em www.museu-municipal.org

38

Visita guiada ao Núcleo Rural de Coruche, por Aníbal Mendes


obras

Infraestruturação da ZIMB Zona de Expansão, Zona Industrial do Monte da Barca – Coruche Adjudicação: 454 770,86 euros Tecno Paços – construção de obras públicas, Lda. Obra concluída

Arranjo urbanístico da Rua das Flores em Montinhos dos Pegos Adjudicação: 343 173,43 euros FOSC – Faialobras, Sociedade de Construções, Lda. Obra em curso

Arranjo urbanístico da Malhada Alta/EN251 Adjudicação: 95 959,37 euros Matos & Neves, Lda. Obra concluída 39


obras

Parque de Mercados e Feiras: conservação de imóveis

Pavimentação da Rua Joaquim do Norte em Vale Mansos

Adjudicação: 14 814,81 euros Tecno Paços – construção de obras públicas, Lda. Obra concluída

Adjudicação: 97.599,73 + IVA. Matos & Neves, Lda. Obra iniciada

Pavimentação da Rua Santíssima Trindade – São Torcato, Coruche Adjudicação: 40 619,34 +IVA Matos & Neves, Lda. Obra em curso

Requalificação da área exterior às Piscinas Municipais Adjudicação: 93 175,42 euros Miraterra, Obras Públicas, Lda. Obra em curso 40


obras

Grandes conservações em edifícios municipais – Jardim de Infância do Biscainho Adjudicação: 18 302,14 + IVA. Construções Ferreira Macedo, Unipessoal, Lda. Obra concluída

Construção do Jardim Central do Biscainho Intervenção que englobou obras de reparação de bomba e respetiva caseta, sistema de rega, recuperação de relvado e zonas verdes, repavimentação, aquisição e implantação de equipamentos de recreio - parque infantil e equipamentos de atividade física para seniores, num valor global de 32 600,64 euros 41


obras

Requalificação refeitório EB 2/3 Obra de ampliação do refeitório e cozinha da Escola Básica Dr. Armando Lizardo, em Santo Antonino, Coruche Adjudicação: 175 641,32 euros + IVA Tecno Paços - construção de obras públicas, Lda.

Reparações de arruamentos – Lote C: repavimentação de Rua do Comércio, Rua da Guiné, Rua Bairro Nogueira e Rua Joaquim Caiado no Couço Adjudicação: 94 610,35 + IVA Construções J.J.R. & Filhos, Lda.

Administração direta

Bairro da Liberdade (Couço) Arranjo das casas n.º 7 e 16 Trabalhos concluídos

42


obras

Piscinas Municipais

EB1 da Branca

Arranjo do pavimento exterior. Trabalhos concluídos

Apoio à montagem de contentor junto ao JI Trabalhos concluídos

CLA – Universidade Aberta

Balneários no campo de futebol de Santana do Mato

Construção de muro. Trabalhos em curso

Conservação de pavimento. Trabalhos concluídos

Rua Moinhos de Vento Casal dos Ossos Coruche

Trabalhos diversos de remoção de resíduos

Conclusão dos trabalhos de reparação de muros

Assistimos frequentemente a deposições indevidas de resíduos que, pela forma e local onde são feitos, tornam difícil a tarefa de manter o espaço público cuidado e limpo, facto incompreensível, dado que os serviços do Município dão resposta às solicitações que são feitas em termos de recolha 43


sala de imprensa

In O Mirante In O Mirante

In O Mirante Online

In Correio do Ribatejo

In Vida Rural Online In Correio da ManhĂŁ In O Mirante

In Abarca Online In Correio do Ribatejo

In O Mirante In Mundo da Pesca

44

In O Ribatejo Online


sala de imprensa

In Revista Business Portugal

In O Mirante In O Mirante Online

In Comércio e Notícias Online

In O Mirante

In O Mirante Online

In O Mirante Online

In Correio do Ribatejo In Revista 19 Líneas In O Mirante Online

45


deliberações de câmara

Consulte o teor integral das deliberações de câmara em www.cm-coruche.pt

Ata n.º 13/2016 Reunião ordinária de 29 de junho de 2016 ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – CORUCHE PESCA DESPORTIVA: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 175,50 euros, ao Coruche Pesca Desportiva, destinado a apoiar a deslocação de uma atleta a Espanha, para participar no Campeonato do Mundo. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA STRIX BIKE TEAM: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 1900 euros, à Associação Desportiva Strix Bike Team, para a época desportiva 2015/2016. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – RANCHO FOLCLÓRICO "OS CAMPONESES" DE SANTANA DO MATO: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 1444 euros, ao Rancho Folclórico “Os Camponeses” de Santana do Mato. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – ODAC – OFICINA DE ARTES DE CORUCHE: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 1125 euros, à ODAC – Oficina de Artes de Coruche. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – COMISSÃO DE FESTAS DE CORUCHE 2016 – 2.ª TRANCHE: A Câmara deliberou, por maioria, aprovar o pagamento da segunda tranche do subsídio, no valor de 20 000,00 euros, à Comissão de Festas de Coruche. VOTO DE PESAR PELO FALECIMENTO DO MESTRE DAVID RIBEIRO TELLES: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar o Voto de Pesar pelo falecimento do Mestre David Ribeiro Telles e remetê-lo à família enlutada.

Ata n.º 14/2016 Reunião ordinária de 13 de julho de 2016 ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – ASSOCIAÇÃO DE REFORMADOS, PENSIONISTAS E IDOSOS DA FREGUESIA DO COUÇO: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio monetário, no valor de 1047,96 euros, à Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos da Freguesia do Couço, destinado ao pagamento da mão-de-obra, e um subsídio em bens que compreende os materiais necessários a incorporar na obra de substituição do chão da cozinha. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – ASSECOR - ASSOCIAÇÃO SÉNIOR DE CORUCHE: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 1760 euros, à ASSECOR – Associação Sénior de Coruche. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – "VOZES D‘ ALDEIA" - ASSOCIAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO LOCAL DA BREJOEIRA: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 836 euros, à “Vozes d’ Aldeia” – Associação de Desenvolvimento Local da Brejoeira. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – ASSOCIAÇÃO REGIONAL DO SORRAIA: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 1444 euros, à Associação Regional do Sorraia. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – ASSOCIAÇÃO PARA O ESTUDO E DEFESA DO PATRIMÓNIO CULTURAL E NATURAL DO CONCELHO DE CORUCHE: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 1125 euros, à Associação para o Estudo e Defesa do Património Cultural e Natural do Concelho de Coruche. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – CAD – CLUBE ASSOCIATIVO E DESPORTIVO DE CORUCHE: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 755,25 euros, ao CAD – Clube Associativo e Desportivo de Coruche.

Ata n.º 15/2016 Reunião ordinária de 27 de julho de 2016 CONCURSO PÚBLICO – AQUISIÇÃO DE AUTOCARRO DE 55 LUGARES + LUGAR DE TRIPULANTE + LUGAR DE MOTORISTA - PROJETO DE DECISÃO DE ADJUDICAÇÃO: A Câmara deliberou, por unanimidade, adjudicar a aquisição de autocarro de 55 lugares + lugar de tripulante + lugar de motorista, à empresa Auto Sueco, Lda., pelo valor de 208 990,00 euros, acrescido de IVA à taxa legal em vigor. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – IRMANDADE NOSSA SENHORA DO CASTELO: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 4000 euros, à Irmandade Nossa Senhora do Castelo, para efeitos das escavações arqueológicas. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – GRUPO DE FORCADOS AMADORES DE CORUCHE: A Câmara deliberou, por maioria, nos termos previstos no Regulamento de Apoio ao Associativismo Local - Programa 4, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 2066,20 euros, ao Grupo de Forcados Amadores de Coruche, destinado a comparticipar em 30% o valor total da viagem para os Açores. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – RANCHO FOLCLÓRICO "OS CAMPONESES" DE SANTANA DO MATO: A Câmara deliberou, por unanimidade, nos termos previstos no Regulamento de Apoio ao Associativismo Local - Programa 4, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 547,50 euros, ao Rancho Folclórico “Os Camponeses” de Santana do Mato, destinado a comparticipar em 30% o valor total da viagem para Espanha.

Ata n.º 16/2016 Reunião ordinária de 10 de agosto de 2016 ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – ASSOCIAÇÃO REGIONAL DO SORRAIA: A Câmara deliberou, por unanimidade, nos termos previstos no Regulamento de Apoio ao Associativismo Local - Programa 4, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 1892,12 euros, à Associação Regional do Sorraia, destinado a comparticipar em 30% o valor total da deslocação do Rancho Folclórico do Bairro da Areia, ao Festival Internacional em Paris, que decorreu de 21 a 25 de julho de 2016. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – RANCHO FOLCLÓRICO DA FAJARDA: A Câmara deliberou, por unanimidade, nos termos previstos no Regulamento de Apoio ao Associativismo Local - Programa 4, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 1571,92 euros, ao Rancho Folclórico da Fajarda, destinado a comparticipar em 30% o valor total da sua deslocação a Colmar (França), de 25 a 28 de novembro de 2016, no âmbito do 40.º aniversário do Rancho Folclórico “O Ribatejo”, de Colmar ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO À COMISSÃO DE FESTAS DE CORUCHE 2016 – 3.ª TRANCHE: A Câmara deliberou, por maioria, aprovar o pagamento da terceira tranche do subsídio, no valor de 20 000 euros, à Comissão de Festas de Coruche, nos termos previstos no Regulamento de Apoio ao Associativismo Local.

Ata n.º 17/2016 Reunião ordinária de 24 de agosto de 2016 GRANDE REPARAÇÃO DA PONTE DE SANTA JUSTA – APROVAÇÃO DO PROJETO: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar o projeto de execução da grande reparação da ponte de Santa Justa.

46


deliberações de câmara Ata n.º 18/2016 Reunião ordinária de 7 de setembro de 2016 PRÉMIO DE MÉRITO ESCOLAR 20/20 – MONTANTES A ATRIBUIR RELATIVOS AO ANO LETIVO 2015/2016: A Câmara deliberou, por unanimidade, atribuir 12 bolsas, no valor de 250 euros, aos alunos com melhor classificação final do Ensino Secundário e Profissional, no ano letivo 2015/2016. PROPOSTA DE TRABALHOS ARQUEOLÓGICOS 2016 – ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO À ASSOCIAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO DA FACULDADE DE LETRAS DA UNIVERSIDADE DE LISBOA: A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 1200 euros, à Associação para o Desenvolvimento da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, destinado ao pagamento das despesas de estada de uma equipa durante sete dias, bem como de elaboração do respetivo relatório final.

Ata n.º 19/2016 Reunião ordinária de 21 de setembro de 2016 ADESÃO DO MUNICÍPIO DE CORUCHE À ASSOCIAÇÃO DE MUNICÍPIOS DA ROTA DA ESTRADA NACIONAL 2: A Câmara deliberou, por maioria, aprovar a submissão à Assembleia Municipal do pedido de autorização de adesão do Município de Coruche à Associação de Municípios da Rota da Estrada Nacional 2. PROTOCOLO DE CONSTITUIÇÃO E FUNCIONAMENTO – INOVMILHO – CENTRO NACIONAL DE COMPETÊNCIAS DAS CULTURAS DO MILHO E SORGO: A Câmara deliberou, por maioria, aprovar a minuta de protocolo que visa a constituição do Centro Nacional de Competências das Culturas do Milho e Sorgo. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – GRUPO DESPORTIVO “O CORUCHENSE”: A Câmara deliberou, por unanimidade, nos termos previstos no Regulamento de Apoio ao Associativismo Local – Programa 1, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 38 882,48 euros, ao Grupo Desportivo “O Coruchense”, para a época 2016/2017. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – CLUBE ASSOCIATIVO E DESPORTIVO DE CORUCHE: A Câmara deliberou, por unanimidade, nos termos previstos no Regulamento de Apoio ao Associativismo Local – Programa 1, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 25 233,39 euros, ao Clube Associativo e Desportivo de Coruche, para a época 2016/2017. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – ATLÉTICO CLUBE DO BISCAINHO: A Câmara deliberou, por unanimidade, nos termos previstos no Regulamento de Apoio ao Associativismo Local – Programa 1, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 910 euros, ao Atlético Clube do Biscainho, para a época 2016/2017. ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO – MOTO CLUBE SACHO: A Câmara deliberou, por unanimidade, nos termos previstos no Regulamento de Apoio ao Associativismo Local – Programa 4, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 1418,62 euros, ao Moto Clube Sacho, destinado à realização de uma prova de EXTREME TRIAL 4x4. CORPO NACIONAL DE ESCUTAS – AGRUPAMENTO 119 – APOIO PARA A AQUISIÇÃO DE VIATURA: A Câmara deliberou, por unanimidade, nos termos previstos no artigo 33.º n.º 1 u) da Lei n.º 75/2013, aprovar a atribuição de um subsídio, no valor de 4225 euros, correspondente a 50% do orçamento apresentado, ao Corpo Nacional de Escutas – Agrupamento 119, destinado à aquisição de uma viatura. CONGRESSO INTERNACIONAL SILVO-PASTORAL SYSTEMS 2016 – ATRIBUIÇÃO DE SUBSÍDIO À UNIVERSIDADE DE ÉVORA: A Câmara deliberou, por unanimidade, nos termos da alínea o) do artigo 33.º da Lei n.º 75/2013 de 12 de setembro, aprovar a atribuição de um apoio financeiro à Universidade de Évora, no valor de 2000 euros, destinado a apoiar a organização do Congresso Internacional Silvo-Pastoral Systems 2016.

VOTO DE PESAR PELO FALECIMENTO DO MESTRE DAVID RIBEIRO TELLES A tauromaquia ficou ainda mais pobre, Coruche perdeu uma enorme referência, um grande Senhor, vale-nos o facto de deixar um enorme legado, enquanto mestre, toureiro, aficionado, mas sobretudo como Homem.

Um símbolo para os defensores do mundo rural, homem de graciosidade e valores. Um contador de histórias e um patriarca para a família Ribeiro Telles.

David Manuel Godinho Ribeiro Telles nasceu em Almeirim a 11 de novembro de 1927.

Mestre David, como carinhosamente era chamado, deixa um legado que a todos nos orgulha.

Decano de uma das famílias com maior tradição e prestígio na arte do toureio, David Ribeiro Telles era neto de um toureiro e foi pai dos cavaleiros João, António e Manuel Ribeiro Telles e avô de Manuel Telles Bastos e João Telles Júnior.

Recebeu em vida as mais elevadas distinções pelo seu percurso pessoal e obra.

A primeira corrida em que toureou foi em Coruche, a 17 de agosto de 1945, por ocasião das tradicionais Festas de Nossa Senhora do Castelo, montando a égua Ervilha. Na vida tauromáquica do mestre David, Alberto Luís Lopes teria uma vasta influência e seria pelas suas mãos que em 18 de maio de 1958 viria a receber a alternativa de cavaleiro tauromáquico no Campo Pequeno. Ao longo da sua carreira atuou nas mais diversas praças do mundo taurino, incluindo Las Ventas, em Madrid (Espanha), em Angola, Moçambique e Macau. Figura incontornável do toureio a cavalo e intérprete do estilo clássico, diz-se que o seu toureio só chega aos verdadeiros aficionados. Fez escola e a partir da sua Herdade da Torrinha ensinou, além dos seus filhos e netos, cavaleiros de diferentes gerações, como Luís Miguel da Veiga, Luís Rouxinol, Vítor Ribeiro, Sónia Matias ou Ana Batista. Obteve nas arenas uma enorme notoriedade, sendo considerado pelos aficionados “um dos símbolos maiores” da tauromaquia e da “vida ribatejana”. Concedeu mais de dez alternativas, incluindo a Luís Miguel da Veiga e a João Moura. Em 1947 assumiu a ganadaria iniciada pelo avô paterno, Joaquim Ribeiro Telles, e em 1970 fundou a Ganadaria Vale Sorraia.

Em 1991 recebeu do Ministério da Cultura a Medalha de Mérito Cultural, tendo sido condecorado pelo Presidente da República Jorge Sampaio como grande oficial da Ordem do Infante D. Henrique, em 1999. Em 2008, também a Câmara Municipal de Coruche o homenageou nos Prémios Foral. Recordamos as suas palavras aquando da atribuição do prémio: agradeceu a honra de ser premiado por Coruche, dedicou o prémio às suas gentes e recordou episódios em que houve sempre um coruchense a dar-lhe apoio, fosse nos Açores, em Moçambique ou em Paris. “Houve sempre um coruchense. É a esses que agradeço e dedico o prémio.” Pai de 11 filhos, avô de 35 netos e 5 bisnetos, pessoa estimada na sua terra, nomeadamente com quem trabalhou e privou, é e será sempre uma figura incontornável de Coruche, onde não podemos esquecer o benemérito que foi e as obras que fez no concelho, em particular nas freguesias e nas instituições de solidariedade social. Despedimo-nos do mestre David, aos 88 anos, com profunda tristeza mas com muito orgulho no legado que a todos nos deixa. A Assembleia Municipal de Coruche, reunida em sessão ordinária de 24 de junho de 2016, deliberou, por unanimidade, aprovar um Voto de Pesar pelo falecimento de David Ribeiro Telles, remetendo à sua família o mais sentido pesar. Coruche, 24 de junho de 2016 O Presidente da Assembleia Municipal (José João Henriques Coelho) 47


Praça da Liberdade, 2100-121 CORUCHE www.cm-coruche.pt | www.facebook.com/municipiocoruche Paços do Concelho: 243 610 200 | Águas do Ribatejo (Praça da Liberdade): 927 803 374 Zona Industrial: 243 610 230 | Delegação da CMC no Couço: 243 650 506 Posto de Turismo: 243 619 072 | Pavilhão Desportivo Municipal: 243 617 466 Piscinas Municipais: 243 610 591 | Museu Municipal: 243 610 820 Bombeiros Municipais: 243 610 260 | 243 610 261 | 243 610 262 Centro de Saúde: 243 610 500 GNR: 243 611 240

Coruche Magazine n.º 63  

Informação Municipal

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you