Page 1

Ano 4 | Número 20 | Distribuição gratuita

1


2


3


4


5


6


Sumรกrio

O Clube Adora 10 Brindando com... 12 Beleza 14

Foto: Rogerio Amendola

Adega 17 Gastronomia 18 Capa 22 Moda 24 Joias 36 Perfil 38 Negรณcios 43 Finanรงas 44 Direito 46 Comportamento 52 Dermatologia 56 Turismo 58 Cultura 62 Pinned 68 Social 72 Circulando 79 Psicologia 80

Freyesleben22 Luiza

7


Editorial

Borbulhando F

otografar pelo mundo faz parte da rotina de Luiza Freyesleben. Aos 25 anos, a bela catarinense conhece os lugares mais cobiçados do planeta e estampa as principais revistas internacionais de moda. Luiza não é só linda de morrer, como também é charmosa, elegante, meiga e inteligente. Bonita por fora e por dentro. Em O Clube Adora, selecionamos novidades que nos despertaram o desejo de sair às compras. A gente também adora falar de beleza e descobrir produtos milagrosos. Confiram o que encontramos na seção Beleza. A empresária Shirley Schmitt Losekann, dona da boutique Lua Nua, brinda conosco nesta edição. Que bom astral tem esta mulher! Em gastronomia, saiba como surgiu o banqueteiro Lilico Cardoso, chef dos mais requisitados em eventos. Lilico prova que cozinhar (bem) é uma arte. Dedicamos algumas páginas ao inverno e à sua moda sempre elegante e aconchegante. A modelo Julia Freiberger entrou no clima da estação e Rogerio Amendola registrou os looks escolhidos a dedo pelas produtoras Mariah Dias e Joici Thives. Bruna Olivo e Andreia Koerich: elas têm em comum o sucesso em suas diferentes profissões. Conheça estas mulheres maravilhosas. O jovem artista plástico Augustin de Lassus nasceu na França, mas é em Florianópolis, onde vive desde criança, que desenvolve sua arte franco-brasileira. Seus castelos encantam paredes de gente que entende de arte. E, por falar em arte, conheça a donc!, uma empresa que reproduz obras em edições limitadas e numeradas, com qualidade e um preço acessível. Uma novidade que agrada fumantes e não-fumantes: o vaporizador, menos prejudicial à saúde e um caminho para abandonar o cigarro. Esperamos que gostem desta edição, preparada com muito carinho pela equipe Clube do Champanhe. Boa leitura e até a próxima edição! Adriana Althoff 8

Desenho: Clóvis Medeiros Foto referência: Morgana Festugato


DIRETORA EXECUTIVA / PUBLISHER Adriana Althoff adriana@clubedochampanhe.com.br JORNALISTA RESPONSÁVEL Adriana Althoff SC 00229 JP

Colaboraram nesta edição: Annalisa Blando Dal Zotto

Patricia Trierveiler Nascimento

DIRETOR ADMINISTRATIVO Victor Althoff Gevaerd viagevaerd@hotmail.com DIRETOR DE ARTE & PROJETO GRÁFICO Rodrigo Kurtz www.rodrigokurtz.com

Leonardo Floriani Thives

FOTÓGRAFO E EDITOR DE IMAGENS Rogerio Amendola www.roamendola.com COMERCIAL Adriana Althoff | 48 9980 3553 adriana@clubedochampanhe.com.br

Mariana Barbato Shirley Stamou

O Clube não tem responsabilidade pelo conteúdo e opiniões emitidas por seus colaboradores.

Ariela Diniz

Karina Boabaid May

A Revista Clube do Champanhe é uma publicação do Grupo A. CAIXA POSTAL 7020 CEP 88025-970 Florianópolis - SC revista@clubedochampanhe.com.br +55 48 9146 4646

@

Rodrigo Kurtz Rodrigo Fernandes Pereira

Cleusa Maria Pfeifer

www.clubedochampanhe.com.br www.facebook.com/clubedochampanhe

@

www.twitter.com/champanhe

Equipe do editorial de moda

9


O Clube

Tigresa!

Aposta no bambu

A grife italiana Gucci já usou o bambu em suas criações desde os anos 1940, tais como pulseiras, relógios, guarda-chuvas, calçados e, claro, nas alças das suas famosas bolsas. Agora o material também aparece em suas coleções de óculos. A coleção de verão da grife traz 2 modelos, cujos detalhes foram feitos com um bambu especial, desenvolvido nos laboratórios da marca, que fica em Florença.

Fotos: Divulgação

Por Adri Althoff & Shirley Stamou

O moletom co m a estampa de tigre da gr caiu nas graç ife Kenzo as dos fashio nistas e apar praticamente eceu em todas as revi stas e sites de O tigre colori moda. do deu tão ce rto que virou da marca, ta um ícone nto que agor a a Kenzo repr estampa em oduziu a uma linda pu lseira de prat a moda no br a. Para levar aço!

Novas bolsas da Schutz

Acaba de chegar às lojas da Schutz uma coleção limitada de bolsas: a Schutz Special Handbags - Designed in Paris. A criação é de Yasu Michino, artista japonês que vive na capital francesa, que já emprestou seu talento para grifes como Sonia Rykiel, Saint Laurent e Givenchy. A coleção mais do que especial tem três modelos que foram batizados de Sophie, Louise e Amélie. As bolsas estão disponíveis nos tons preto, branco, marfim, vermelho, azul anil, ônix, dourado e bege. E os preços variam de R$ 690,00 a R$ 1.020,00. 10


Móveis da Versace!

A estilista Donatella Versace ganhou uma homenagem da marca italiana de móveis Haas Brothers, feita com uma coleção de mobiliário em bronze. Segundo os irmãos Simon e Nikolai, criadores da Haas Brothers, os móveis refletem o “glamour loiro e rock’n’roll” da diretora criativa da Versace. A linha já está disponível no site da grife. Puro glamour!

Repetto no Brasil

A Repetto, marca francesa que começou fazendo apenas produtos para balé e ficou conhecida em todo o mundo a partir dos anos 50, quando a atriz Brigitte Bardot usou um dos seus modelos de sapatilhas num filme, abriu a sua 1ª loja na América Latina no último dia 18 de junho. A nova loja da Repetto fica em São Paulo, no Shopping Cidade Jardim, onde foi inaugurada com uma apresentação do balé Cisne Negro. A unidade conta com a linha completa de produtos, desde os itens de balé profissional, como roupas de dança e sapatilhas de ponta, até sapatilhas casuais, para se usar na rua, além de bolsas e sapatos.

As joias de Gatsby

A Tiffany & Co. é um ícone de luxo desde a sua criação, em 1837. São da famosa marca as joias usadas no filme O Grande Gatsby, as mesmas que estão expostas na loja da Quinta Avenida em New York. A coleção, batizada de Ziegfeld, também inspirada no filme, já chegou às lojas brasileiras, e tem forte influência da década de 1920, com peças feitas de pérolas, prata e ônix negro, a preços que variam entre R$ 990,00 e R$ 4.800,00.

11


com...

Brindando

Shirley Schmitt Losekann Shirley por Shirley: Empresária, casada, dois filhos - a Gabriela e o Guilherme.

Segredinhos: Minha vida é um livro aberto,

Trabalho: Sunset by Lua Nua. Sinônimo de

Restaurantes: Kanpai, Bate Ponto, Café da

satisfação.

Corte.

Lazer: Viajar para conhecer novos lugares e culturas.

Mania: Andar sempre com duas bolsas.

Hobby: Dirigir sem rumo. Família: É tudo. Minha inspiração e motiva-

não tenho segredos.

Viagem: Caribe. Melhor notícia: Cura do câncer do meu pai.

ção.

Sempre na bolsa: Cartões de crédito.

Deus: Um ser único. Capaz de mover monta-

Dica de beleza: Muito creme, muita massa-

nhas.

gem e controlar a alimentação sempre.

Música: Cazuza, Tim Maia, Cássia Eller.

Dentro do coração: Amor.

Filmes: “Os Intocáveis”, “Como se Fosse a

Um sonho: Morar 6 meses fora do Brasil.

Primeira Vez”, “Doce Vingança”.

Livros: “A menina que roubava livros” e “O

Odeio: Inveja.

Pequeno Príncipe”.

Adoro: Meus amigos e minha família.

Religião: Católica. Acho muito importante ter

Filosofia de vida: Dar um passo a cada dia.

algo para acreditar, ter fé.

Simplesmente viver.

Amar é: Incondicional, sem

discriminações, sem interesses.

12


13

Foto: Acervo pessoal


Beleza

Por Adri Althoff & Shirley Stamou

Divina Davines

Fotos: Divulgação

A Davines, uma das maiores marcas de cosméticos italianas, que já tem mais de 20 anos de história e é vendida em mais de 72 países, chegou ao Brasil. A Davines é especializada em cuidados para os cabelos, mas também possui alguns produtos para a pele, todos fabricados com ingredientes do Mediterrâneo e acondicionados em embalagens recicláveis. A sustentabilidade é uma preocupação da Davines, cujos projetos estão dentro do ecodesign, com o uso de energia limpa na produção e respeito ambiental. Testamos o shampoo e o condicionador Nounou, já disponíveis em um salão de beleza de Florianópolis. Ele tem até tomate na composição e funciona maravihosamente bem: deixa os cabelos macios, hidratados e levinhos.

Três fases da YSL

A Yves Saint Laurent lançou uma verdadeira inovação em sua coleção verão 2013: uma linha com esmaltes em três fases ou camadas. A edição limitada, batizada de La Laque Couture Tie & Dye Collection, tem três camadas: uma base com glitter no fundo, a do meio cuja cor é levemente transparente e a de cima, um top coat para dar brilho. São quatro cores: Cool Coat, Pop Coat, Hip Coat e Ice Coat. O produto pode ser usado de duas maneiras: puxando o pincel na vertical e aplicando diretamente nas unhas, ou agitando o vidro para misturar as três fases. 14


Novo perfume da Guerlain

O perfume La Petite Robe Noir, da Guerlain tem notas de rosas e frutas vermelhas, um cheirinho delicioso e já está disponível no Brasil. O frasco, lindo, mostra a sofisticação típica da marca. Em degradê, estampando o vestidinho preto que tanto agrada mulheres e homens, e com uma tampa no formato de coração invertido, ele faz bonito também como objeto de decoração na penteadeira das mais vaidosas.

Make da Isabela Capeto

A rede de Farmácias Panvel, em parceria com a estilista Isabela Capeto, lançou uma coleção de maquiagem com produtos e embalagens lindas. São 19 produtos entre batons, sombras, blush, pó, cinco cores de esmalte, máscara para cílios, primer e pincéis, com valores entre R$ 6,90 (esmaltes) e R$ 27,90 (primer tonalizante). Eles já podem ser encontrados nas lojas e e-commerce da Panvel. Pura fofura!

A brasilidade de Tom Ford

O estilista Tom Ford, que é conhecido pelo sex appeal de suas criações para mulheres fortes, agora também faz sucesso com a linha de beleza que leva o seu nome. Na nova coleção Lip Shine Color, além de cores intensas e uma textura supercremosa, os batons levam um ingrediente bem brasileiro: a manteiga de murumuru - um ótimo hidratante natural, típico da região amazônica. São 10 cores que vão do nude ao vermelho, em embalagens verdadeiramente luxuosas!

15


ATELIER DE JOIAS

VOCE SONHA, NÓS REALIZAMOS! A PERSONNALITÉ TRAZ UMA NOVA PROPOSTA EM JOALHERIA PERSONALIZADA, CRIANDO PEÇAS EXCLUSIVAS E RECICLAGEM DE JOIAS, SEM CUSTO ADICIONAL POR ISSO. UMA JOALHERIA ÚNICA, PARA REALIZAR O SEU SONHO!

16

www.personnalitejoias.com.br

Continente Park Shopping


Adega

Para degustar Cantina Sangiovese apresenta novidades na sua premiada carta de vinhos om a troca de estação e introdução de novos pratos no menu da Cantina Sangiovese, o sommelier e sócio-proprietário do restaurante, Alberto Wirth, decidiu mexer na carta de vinhos para propiciar aos clientes novas opções de harmonizações. Mas o destaque para a produção de vinhos finos de altitude de Santa Catarina foi mantido, bem como a disponibilidade de apreciar rótulos exclusivos, com o melhor custo-benefício, de mais de 14 países. A adega da Cantina Sangiovese foi eleita por dois anos consecutivos como a Melhor de Santa Catarina, pela revista Veja Comer e Beber. Os clientes que visitam a Cantina são também surpreendidos com a gastronomia diferenciada, sob o comando do chef Helton Costa, igualmente premiado por dois anos consecutivos como Chef do Ano, pela Veja. Ele criou dois pratos para o cardápio de inverno: Truta Serrana com Amêndoas e Frescal Bovino com Pirão de Carne. Para isso, o sommelier Alberto Wirth, com longa trajetória profissional, indica vinhos da carta a partir de 39 reais. Já para quem quer desenbolsar um pouco mais, a sugestão são os italianos Brunellos ou o vinho mais caro da adega: o incomparável Chateau Pontet Canet 2004, de pouco mais de 800 reais. As reservas podem ser feitas pelo telefone: 48 3371 1200.

Foto: Mariana Boro

C

17


Gastro-

nomia

Muito além dos pratos e talheres O banqueteiro Lilico Cardoso ensina como abrir um sorriso para os problemas da vida

B

anqueteiro. É assim que ele prefere ser intitulado, como um preparador de banquetes e refeições caprichadas. Ele é conhecido em Florianópolis por ser um dos melhores. Prepara como ninguém aquele escondidinho de carne seca e já inventou receitas que foram parar até na Ana Maria Braga, tamanho o sucesso e o sabor do conhecido creme de siri com palmitos. Sua história na cozinha começou cedo, quando ele era o responsável por cozinhar na reunião de amigos ou nas festas do colégio. Paralelamente a esta trajetória, mas não distante dela, a sua paixão pelas artes plásticas o levou para Londres. “Fui estudar artes plásticas na Inglaterra e, para pagar minhas contas por lá, comecei a trabalhar na rede Pizza Express”, conta. Lilico passou por todas as etapas, do lavador de pratos a chef. “Quando lavava pratos, do meu lado tinha o rapaz que fazia a salada. Fiquei atento ao seu trabalho e, em uma semana, já sabia como prepará-las”. A partir desse momento, ele foi aprendendo, fez curso de pizzaiolo, chegou a chef, mas chegou o momento em que ele se cansou de pizza. Ainda em Londres, conheceu uma brasileira que era responsável pelo catering do museu de ciências da cidade. “Ela me chamou para ir ajudá-la; eu fui, e um tempo depois, virei chef do catering do museu. Lá mesmo fui convidado por um alemão que gostaria de montar um café: ele me chamou e eu montei todo o cardápio dele”, conta ele, que sempre foi curioso e correu atrás de conhecimento. 18

De volta ao Brasil para visitar a família, a vida de Lilico resolveu tomar outros ares e colocou em teste a grande capacidade de superação do manezinho. “Peguei uma salmonela, perdi quase quarenta quilos, fiquei durante seis meses em tratamento”. Lilicou se recuperou, decidiu ficar em nosso país, começou a voar como comissário de bordo da Varig e fazer consultorias para restaurantes de São Paulo. Foi lá que Lilico sofreu um assalto que o colocou em teste mais uma vez. O assalto o levou a uma aposentadoria precoce. Foram nove cirurgias na perna, duas no pé, uma no estômago, além de uma forte depressão. Após quatro anos de recuperação, um dia ele resolveu mudar tudo: “era véspera de réveillon, me olhei no espelho, estava no fundo do poço, e decidi que não queria mais aquilo para mim”, revelou ele. Foi aí que um dos melhores banqueteiros da cidade nasceu. “Tinha muitos amigos, e uma delas, que é minha segunda mãe, a Danila Varella, me convidou para fazer um jantar para ela e suas amigas, no seu encontro semanal. Faço isso há 11 anos. Nunca mais parei”. Seu trabalho é revelado boca a boca, sem propaganda. Lilico e sua equipe fazem eventos tanto para 1500 pessoas quanto para 20. Corporativos ou familiares, de casamentos a formaturas, todos são feitos com muito esmero e com a preocupação de proporcionar um momento único, com uma comida com um toque familiar e aconchegante, misturando com maestria o tradicional ao contemporâneo.


19

Foto: Rogerio Amendola


Gastro-

nômia

Crepes de cinema Por Bruna Dutra

L

ogo na entrada de Jurerê Internacional está localizado um dos melhores crepes da cidade e lá, o sabor é ainda mais especial, do tipo “coisa de cinema”. Tudo começou em 2005, quando André Gomes abriu a videolocadora Cine House. Com o passar do tempo, percebendo a tendência do negócio, o empresário acrescentou um café no local. Um parente sugeriu servir crepes no Café. A ideia foi em frente e, junto com um chef francês, elaboraram a mistura da receita que é pra lá de especial. Os recheios, no começo, eram produzidos pelas mãos da dona Marly Gomes, mãe do proprietário e expert em gastronomia. A união de uma boa ideia, um serviço criativo e muito carinho impulsionaram o sucesso. O nome mudou para Cine Café. A locadora continua e o espaço, como não poderia deixar de ser, é todo decorado com imagens de filmes. No cardápio, sanduíches com nomes de diretores de cinema e os famosos crepes doces e salgados, todos batizados como atores e atrizes de renome. Já imaginou pedir um “Russel Crowe”, por exemplo, que é recheado com camarão? Ou 20

quem sabe o “Al Pacino”, com frango e catupiry? E para quem deseja algo doce, uma boa pedida é a “Julia Roberts”, servida com Nutella e morangos. O Cine Café também prepara crepes para festas e eventos. Neste ano, elaborou suas iguarias para os pilotos do Desafio Internacional das Estrelas, a maior prova de kart do mundo, que aconteceu no Beto Carreiro. Vale lembrar que todos os artistas do cardápio foram vencedores de Oscar. Com uma seleção dessas, que tal acompanhar o próximo sucesso da sétima arte saboreando esses deliciosos crepes e sanduíches? Serviço: Cine Café Avenida das Raias, 261, Jurerê Internacional, Florianópolis, SC. Horário: todos os dias, das 12 às 23h. Sextas e sábados até a meia-noite. Contato: (48) 3282 1005. www.cinecafejurere.com.br


Deliciosos crepes, doces e salgados, que valem por uma refeição

21


Capa

Luiza Freyesleben modelo exportação Por Bruna Dutra

N

atural de Florianópolis, Luiza Freyesleben representa (e muito bem!) a beleza das mulheres catarinenses aonde quer que vá. Em abril, a modelo completou 25 anos. Ariana, agitada e descontraída, a bela ama viajar e conhecer lugares diferentes. Mas também gosta de relaxar, em especial nos dias preguiçosos. “Adoro passar um dia chuvoso de pijama vendo um filme”, confessa. Apesar de viver na capital catarinense, Luiza tem planos de voltar a morar em Nova Iorque. Devido aos seus compromissos profissionais, está sempre com a agenda lotada. No momento da entrevista, por exemplo, estava na Europa, e conversou por email com a Revista Clube do Champanhe. Entre fotos, maquiagem e muito trabalho, ela mostra por que se tornou um sucesso internacional.

Revista Clube do Champanhe: Quando e como você começou a trabalhar como modelo? Luiza Freyesleben: Estava a caminho do Shopping Beiramar quando o booker da Ford Models, Everaldo Antunes, me parou e falou que a agência estava abrindo e que eu deveria ir lá. Respondi que ia, já sabendo que jamais iria, pois não era algo que eu queria. Ele sentiu que eu não apareceria na agência e voltou a me procurar. Insistiu por telefone e eu acabei indo. Depois disso, participei do concurso nacional da Ford Models Brasil, entrei para a agência em São Paulo e em diversas outras pelo mundo. Atualmente, estou com a Mega Partners, nova divisão da Mega Models, em São Paulo. Revista Clube do Champanhe: Seu trabalho é mais com fotografia/comercial ou passarela? Com quais marcas já trabalhou? Luiza Freyesleben: Meu trabalho é muito mais comercial, não tenho altura para passarela e também nunca gostei muito. Já fiz praticamente todos os catálogos mais importantes de Londres, da Alemanha e da França. Em Nova Iorque, faço trabalhos para Avon, Old Navy, Macy’s, Gap, entre outros. No Brasil, tenho muito orgulho de ter feito por duas vezes a campanha da Valisere, que é uma marca que sempre amei e uso muito. 22

Revista Clube do Champanhe: Você fazia faculdade de moda? Pretende ampliar seu trabalho nesse segmento? Luiza Freyesleben: Fiz Moda por um ano e meio e, quando me mudei para Nova Iorque, também fiz mais cursos nessa área. Sem dúvida, trabalhar nesse meio está em meus planos. Atualmente investi em uma ideia inovadora, o site Same No More (www.samenomore.com.br). Além de site, é também uma loja física em Florianópolis, de aluguel de roupas, principalmente vestidos de festas que são trazidos de Nova Iorque e Miami. Entrei no negócio para elevá-lo a um nível nacional. Revista Clube do Champanhe: Quais são os seus cuidados para estar sempre bonita? Você pratica atividades físicas, cuida da alimentação? Luiza Freyesleben: Fiz boxe por muito tempo, é um esporte que gosto muito e, infelizmente, por falta de tempo, não consigo voltar a treinar, pois é difícil manter uma rotina de aulas. Faço apenas academia. Nunca tive muita paciência para cremes e cuidados com cabelo, essas coisas, tenho preguiça. Na alimentação, como de tudo e bastante salada, mas porque gosto. Sou apaixonada por sushi, por mim comeria todos os dias. Revista Clube do Champanhe: Você deve viajar bastante, tem algum lugar que seja mais marcante? Luiza Freyesleben: Existem alguns lugares sim. Maldivas foi o lugar mais lindo que conheci. Já fui para muitos lugares paradisíacos, como Bora Bora, Seicheles e Ilhas Maurício, que são considerados os mais bonitos do mundo. Mas as Maldivas têm algo especial. Na neve, Aspen (Estados Unidos) é o lugar que mais amo. Visito há quatro anos consecutivos e sempre é maravilhoso. Revista Clube do Champanhe: E o que você gosta de fazer quando não está trabalhando? Luiza Freyesleben: Gosto de estar com quem amo. Amigos, família, namorado, não importa fazendo o que, qualquer programa se torna maravilhoso.


23

Fotos: divulgação Ford Models


Moda

frio

Eo chegou... 24


Casaco: Makenji Beiramar Shopping Colar: Mariah Sá

A elegância veste a estação mais fria do ano. Roupas quentinhas e aconchegantes enchem de charme o inverno e suas baixas temperaturas. Fotos: Rogerio Amendola Styling: Joici Thives e Mariah Dias 25


Calรงa e Blusa: Makenji Beiramar Shopping Jaqueta: Paty Trier Colar e Brincos: Francesca Romana Diana Bota: Scarpa Di Donna

26


Look: Makenji Beiramar Shopping Bolsa e Sapatos: Scarpa Di Donna Colar e Brincos: Mariah Sรก

27


Camisa e Saia: Makenji Beiramar Shopping Bota: Scarpa Di Donna Jaqueta: Paty Trier Colar: Mariah Sรก

28


Look: Makenji Beiramar Shopping Bota e Bolsa: Scarpa Di Donna Brincos: Mariah Sรก

29


Look: Makenji Beiramar Shopping Bota: Scarpa Di Donna Acess贸rios: Mariah S谩

30


31


Look: Stela Knabben Brincos: Francesca Romana Diana Bolsa: Scarpa Di Donna

32


Look: Stela Knabben Acess贸rios: Mariah S谩

33


Look: Makenji Beiramar Shopping Colar e Brincos: Mariah Sรก Bolsa e Bota: Scarpa Di Donna

34


Ficha Técnica: Fotografia e tratamento de imagem: Rogerio Amendola - www.roamendola.com Modelo: Julia Freiberger (DN Models) Assistente de fotografia: Daniel Oliveira Produção: Joy Imagem - Consultoria em Estilo e Imagem by Joici Thives e Mariah Dias/Telefones: 48 8426 2172 e 9625 5076 - joyimagem@gmail.com www.joicithives.com.br Making Of: Marcos Rocca - My Movie Studio Participaram deste Editorial de Moda: Francesca Romana Diana Floripa Shopping Telefone: 48 3238 8659 Makenji Beiramar Shopping Telefone: 48 3223 5503 www.makenji.com.br Mariah Sá Acessórios Rua Padre Roma, 482, Sala 607 Edifício Premier Office Center Florianópolis/SC Telefone: 48 3204 7765 www.mariahsa.com.br Paty Trier - Casacos de Couro Rua Luiz Delfino, 177 Florianópolis/SC Telefone: 48 9934 7052 www.patytrier.com.br

Espaço Stela Knabben Rua Bocaiúva, 2236 Florianópolis/SC Telefone: 48 3322 2426 Beleza: Bressan Cabeleireiros Rua Germano Wendhausen, 287 Florianópolis/SC Telefone: 48 3039 4370 www.bressancabeleireiros.com.br Locação: Sociedade Hípica Catarinense Rodovia SC-401, 4677 Florianópolis/SC Telefone: 48 3335 6144 www.sociedadehipicacatarinense.com.br

Assista o making of no site www.mymoviestudio.com.br

35


Joias

Preciosas joias brasileiras

Foto: Rogerio Amendola

Por Bruna Dutra

“O

s cristais de rocha - que nada mais são que quartzo - se tornam uma incrível surpresa aos olhos quando são lapidados. Pedras únicas que tiveram o acaso e os milhões de anos desenhando cada rútilo, cada linha com suas cores maravilhosas”. A explicação é da geógrafa Daniela Tavares, autêntica apreciadora das riquezas naturais. Fascinada pela natureza, Daniela descobriu outra paixão em meio às pesquisas de rochas e estudos sobre a origem das pedras: o gosto de trabalhar com joias e semijoias. Há dez anos, ela montou um negócio que prioriza a qualidade, o requinte e a lapidação perfeita das pedras brasileiras. A ametista, o citrino, o opala, a turmalina, o topázio, a água marinha e a esmeralda são usadas por prestigiados designers do mundo todo. E claro, também por Daniela. “O que posso oferecer é design exclusivo, pedras com classificação AA+ e uma arte feita à mão, que, tenho certeza, é uma das características marcantes do meu trabalho”, diz. Mas outras pedras também estão presentes nas suas peças, que misturam versatilidade, leveza e sofisticação. Perfeccionista, ela só usa materiais especialmente nobres, pedras pre36

ciosas com a máxima pureza e classificação. Entre eles, os diamantes (de todo tipo, inclusive diamante negro e champagne) e a Turmalina Paraíba, hoje uma das pedras mais caras do mercado de joias. Outra característica é o atendimento personalizado. Portanto, nada de loja. “A disponibilidade de ir até as minhas clientes passou a ser um diferencial do meu trabalho. Evidentemente, tenho ateliê de produção, onde é concluída toda funcionalidade das joias, mas é um local de produção e não de atendimento ao cliente”, conta. As peças clássicas e atemporais, como brincos e anéis, são as mais pedidas e confeccionadas. Para Daniela, “as joias fascinam as mulheres e seduzem os homens também. Representam feminilidade, e não deixam de ser um símbolo de afirmação feminina. Qualquer mulher se sente poderosa quando usa uma bela joia”. Mulheres como Cleópatra e Marilyn Monroe que o digam. Mais informações: 48 9659 0440 ou 48 3282 1016 dtavares7@hotmail.com fb.com/danitavaresjoias


37


Perfil

Andreia

Koerich

A

ndreia Koerich é uma paranaense que reside em Florianópolis desde os seis anos de idade. Filha de Ruby Aldyr Keil e Maria Luiza Keil. O pai é engenheiro civil e trabalhou uma boa parte da vida em empreiteiras, abrindo e construindo estradas. Por isso a família residiu em vários estados, como Bahia, Paraná, Santa Catarina, entre outros. A mãe sempre cuidou da casa e da criação dos seus quatro filhos, a sua prioridade. Andreia é a caçula de uma família de quatro irmãos. Sua primeira graduação foi em Economia pela UFSC, porém, no decorrer do curso, percebeu que não seria nesta área que se realizaria profissionalmente. Anos mais tarde, ingressou no curso de Psicologia, já com outro entusiasmo e motivação. Estudar as várias facetas do comportamento humano sempre aguçaram a curiosidade e a vontade de aprender um pouco mais, sabendo que se trata de um objeto de estudo extremamente complexo para se avaliar, compreender e intervir. Mas que, ao mesmo tempo, é fascinante. E é nesta área que Andreia segue até hoje. Atualmente trabalha com a psicoterapia na linha cognitivo-comportamental, na Clínica NeuroAtive, da qual é uma das sócias. Além da psicoterapia, também atua na área da estimulação e reabilitação cognitiva em grupo, juntamente com as suas sócias. Andreia Koerich é casada com Ronaldo Furtado Koerich e mãe de Eduardo (22 anos) e Rafael (18 anos). O mais velho cursa Economia e trabalha com o pai, que é empresário e comerciante. Rafael tem 18 anos, é um avaiano apaixonado, sempre amou o esporte e, principalmente, o futebol. Está fazendo cursinho para prestar vestibular para Administração e diz que também pretende seguir a profissão do pai. O maior hobby de Andreia é assistir filmes e ler, principalmente aqueles que de alguma maneira envolvem algum “Q” a mais de insanidade ou loucura. Lembrando que ninguém de fato é totalmente “normal”. A normalidade está muito mais associada a padrões socialmente aceitáveis, dentro de uma norma muitíssimo variável, pois envolve família, cultura, crenças, entre outros fatores históricos e 38

sociais. Andreia Koerich adora viajar, principalmente porque só viaja em família ou com amigos queridos. Para Andreia, viajar é algo muito maior do que conhecer novos lugares; é nos conhecermos e nos aproximarmos enquanto pessoas que fazem parte de uma mesma família - um pouco mais a cada viagem. Sobre projetos para o futuro ela, é categórica: quer continuar trabalhando e aprimorando o seu trabalho como psicóloga, deseja participar de algum projeto social, ter netos e envelhecer com muita saúde ao lado do marido.


39


Perfil

Bruna Olivo, Diretora de Criação da

Lança Perfume A

os 24 anos, a empresária Bruna Olivo, nascida em Nova Veneza, interior de Santa Catarina, tem sonhos tão grandes quanto a empresa que seus pais fundaram há 27 anos, a La Moda. Formada em Design de Moda e hoje Diretora de Criação da Lança Perfume, Bruna iniciou as suas atividades na área aos 15 anos, em meio a inúmeros tecidos. Ela sempre contou com o apoio da sua mãe, Vera Lucia Sachet Olivo, de quem herdou a personalidade transgressora, ousada e persistente, características tão presentes nas coleções da marca feminina do Grupo. Casada e mãe de um menino de 2 anos, a jovem não descuida da saúde e da forma física. Só assim é possível administrar a rotina agitada que leva em função dos compromissos profissionais e pessoais - são, pelo menos, 12 viagens internacionais por ano. Impulsiva e cosmopolita, seu destino favorito de férias é a charmosa Barcelona, que proporciona diversas opções de lazer, com festas badaladas, ótimos restaurantes e uma cultura rica, além da deliciosa praia de La Barceloneta, com pessoas sempre muito elegantes. Seu lado materno é aflorado em viagens mais

40

tranquilas e reservadas com a família, como a que fez para a paradisíaca Polinésia Francesa, de paisagens naturais e ar exótico, e que lhe permitem renovar sua alma e pensamentos. Em Florianópolis, é presença assídua na luxuosa Jurerê Internacional, que mescla a agitada vida noturna com o prazer da vida al mare. De paladar gastronômico elevado, sua escolha para um jantar agradável e tranquilo é o Ostradamus, com seus pratos especiais e combinações de sabores únicos. Para o dia a dia de viagens e jantares de negócios, gosta de frequentar a Toca da Garoupa, com especiarias e frutos do mar de alta qualidade. Além de ser apaixonada por bolsas, sapatos e joias, possui também um particular interesse por roupas e acessórios para dormir. Camisolas, penhoares de seda, com aplicações de renda, estão entre seus preferidos. Sonhadora e ambiciosa, Bruna sabe que trabalhar com moda requer disciplina e persistência, e sente um orgulho enorme da história que vem ajudando a contar. “Acredito que a Lança Perfume pode chegar ainda mais longe e levar todo esse estilo de vida único às mulheres que são igualmente glamorosas e reais”, afirma a entusiasmada Bruna Olivo.


41


42

www.jaredwindmuller.com | contato@jaredwindmuller.com 48 3369-1673 | 48 9619-9651


Mulheres de sucesso

Negócios

A

evolução das mulheres empreendedoras no Brasil é apresentada na pesquisa realizada pelo PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), que traçou o perfil comparativo entre homens e mulheres que possuem um negócio. Do total de empreendedores no país, a mulher passou de 29 para 31%. Entre 2001 e 2011, o número de mulheres empreendedoras aumentou 21%, enquanto o de homens empreendedores 10%. Outra mudança significativa foi o de mulheres chefes de domicílio, que subiu 10% e está presente em 37% dos lares de empreendedoras. A comparação mostra também que as mulheres dedicam mais tempo à educação, sendo que 18% têm nível superior incompleto, completo ou mais, enquanto que, entre os homens, este índice é de 11%. E a proporção de mulheres que estudaram de 11 a 14 anos aumentou de 22 para 34%. Para reconhecer o trabalho dessas mulheres, o Sebrae realiza anualmente o Prêmio Mulher de Negócios, para empreendedoras de diversas categorias. As inscrições para o prêmio são gratuitas e estão abertas no site www.mulherdenegocios. sebrae.com.br até o dia 31 de julho.

O sexo feminino ganha espaço no mundo dos negócios com empreendedorismo e dedicação

43


Finanรงas

Cuidado com o Leรฃo! Por Annalisa Blando Dal Zotto

44


P

ara que um planejamento financeiro pessoal dê certo, ele deve contemplar, além das questões financeiras e patrimoniais, questões jurídicas e tributárias, além do dimensionamento correto das necessidades de diversos tipos de seguros (principalmente vida, invalidez e saúde). Por isso, não posso deixar de citar um grande e comum problema no planejamento tributário de muitas famílias: os erros tributários provocados por desconhecimento. Quando estudamos para ser planejadores financeiros certificados pelo IBCPF, precisamos conhecer as diversas regras tributárias, com o intuito principal de se valer delas e buscar reduzir a carga de impostos, que já é tão pesada. Porém, o que vemos, na prática, é que, antes de buscar esta redução, precisamos auxiliar nossos clientes a corrigir uma série de erros tributários, porque, se caírem na malha fina ou forem fiscalizados pela Receita Federal, terão seu patrimônio seriamente comprometido e ainda serão acusados de sonegação fiscal! Repito, erros tributários cometidos por mero desconhecimento e não por intenção de sonegar. Não importa a profissão nem o quanto estudaram, os contribuintes brasileiros conhecem muito pouco sobre como proceder corretamente e ficar alinhados com as regras tributárias. O erro mais comum que verificamos é a mistura da pessoa física com a empresa. Muitos prestadores de serviço, como médicos, consultores e atletas, constituem uma empresa com o intuito de formalizar as próprias atividades e acabam fazendo um monte de trapalhadas. Como exemplo, podemos citar um médico que tem sua própria clínica, emite devidamente as notas fiscais (e paga seus impostos) da empresa referentes aos serviços prestados, mas deposita os valores pagos pelos clientes na conta corrente da pessoa física. Ora, se ele depositou diretamente na conta pessoal, a Receita entende que este médico prestou serviços como pessoa física, recebeu e não tributou os impostos sobre a sua renda. Ou seja, o médico pagou os impostos pela empresa, mas ao invés de depositar os valores pagos pelos serviços prestados pela clínica na conta da própria clínica, depositou na sua conta pessoal. Com isso, cometeu um erro gravíssimo, que provoca uma dupla (e injusta) tributação. Se caísse em fiscalização, a Receita Federal entenderia que estes

valores deveriam ser tributados também pela pessoa física, além disso, ele teria que pagar multas que vão de 75% a 150%, mais o reajuste pela Selic. Se a prática fosse recorrente, ele seria obrigado a pagar sobre todos os valores provenientes desse erro nos últimos 5 anos! Outro erro comum é pagar contas pessoais pela conta da empresa, como escola dos filhos, plano de saúde, supermercado, viagens, etc. Neste caso, o leão entende que o pagamento das contas pessoais via empresa significam rendimento do trabalho da pessoa física, no caso, o pró-labore (que é o salário do sócio que trabalha). Sobre estes valores, além de pagar os impostos da empresa, deveriam incidir os impostos sobre a renda do trabalho da pessoa física, além da obrigação da empresa de ter que pagar 20% ao INSS (pois o pró-labore entra na folha de pagamento). Mais uma vez, o leão poderia cobrar pelas práticas erradas dos últimos 5 anos! Estes são apenas dois exemplos de erros tributários muito comuns, mas existem uma série de outros que me deixam absolutamente penalizada quando vamos analisar um novo caso e nos deparamos com os mais diversos equívocos cometidos sem querer. Me entristece ver que pessoas de bem e com boas intenções fazem erros recorrentes e colocam seu patrimônio em jogo por conta do desconhecimento. Infelizmente, no Brasil, a Receita Federal, órgão responsável pela coleta dos impostos, tem comportamento punitivo e não educativo. Para piorar, cada vez mais o governo investe em inteligência e aperta o cerco sobre os contribuintes, porém nada é feito para ensinar os bons pagadores a fazer as coisas da forma certa. Por isso aí vai o ALERTA: empresários, busquem profissionais competentes para lhes ensinarem a agir da forma correta. Estes ajustes nos procedimentos irão fazer toda a diferença entre se ver de um dia para outro com uma dívida enorme com a Receita e sendo acusado de sonegação fiscal ou deitar a cabeça no travesseiro e dormir um sono tranquilo depois de um longo dia de trabalho. Annalisa Blando Dal Zotto, CFP®, é planejadora financeira pessoal certificada pelo IBCPF e sócia fundadora da Par+ Planejamento Financeiro - www.parmais.com.br

45


Direito

Nova Lei das Domésticas Por Leonardo Floriani Thives

R

ecentemente foi aprovada no Congresso Nacional a Emenda Constitucional que assegurou às empregadas domésticas direitos antes garantidos constitucionalmente apenas aos trabalhadores rurais e urbanos. Alguns já estão em vigor e outros dependerão de regulamentação específica. As regras valem para todos os profissionais de serviços domiciliares, como babás, cuidadores de idosos, cozinheiros, jardineiros, motoristas ou caseiros. Dois dos direitos que já estão em vigor são o pagamento obrigatório do salário mínimo para empregados que trabalham 44 horas semanais e a garantia da mesma remuneração para funções, carga horária e responsabilidade idênticas. No caso de jornadas com menos horas de trabalho, pode-se pagar de forma proporcional ao tempo trabalhado, mesmo que o valor seja inferior ao salário mínimo. E quando ultrapassada a referida carga horária, o empregado fará jus ao recebimento de 50% a mais pela hora trabalhada a título de horas extras. Fique atento para aqueles que dormem em casa, pois seus períodos de descanso devem ser previamente combinados e registrados por escrito. O Ministério do Trabalho aconselha que as anota-

46

ções devam ser assinadas por ambas as partes. Atenção redobrada também para as diaristas, pois a partir do terceiro dia de trabalho na semana já está configurado o vínculo empregatício, devendo o empregador registrá-la. O pagamento do adicional noturno, FGTS, salário família, auxílio creche, seguro para acidentes de trabalho e seguro desemprego ainda precisarão de regulamentação. Para o adicional noturno, fica fixado o percentual de 20% sobre o valor da hora trabalhada para aqueles que trabalham das 22 às 5 horas da manhã. O valor do FGTS deverá ser equivalente a 8% do salário total, incluindo aqui horas extras e adicional noturno, e será depositado na Caixa Econômica Federal. Enquanto aguardamos a regulamentação, o empregador poderá e deverá remunerar seu colaborador conforme os ditames da Lei, assim evitando futuras reclamações na esfera trabalhista. Leonardo Floriani Thives é advogado especialista em Direito Tributário e Empresarial no Escritório Thives Advocacia - thivesadv@gmail. com


Of i c i n a d e Arte & Lo j a

47


Direito

Marley & Nós

nimais de a s o m a na Como fic ivórcio e d o n o ã ç ável estima união est e d o ã ç dissolu

Por Rodrigo Fernandes Pereira

O

grande sucesso do filme “Marley & Eu” também é reflexo da realidade que nos cerca, isto é, o espaço conquistado pelos animais de estimação na vida das pessoas. O ser humano afastou a relação superficial de simples dono e adotou o animal como um verdadeiro membro da família, muitas vezes tratado como filho pelos casais. Na seara do Direito de Família, o rompimento do matrimônio ou da convivência enseja a discussão de vários assuntos, como a divisão dos bens, a guarda e visitação dos filhos, a obrigação alimentar, o eventual restabelecimento do nome de solteira(o) e, em algumas situações, pende ainda a questão da guarda do pet. Todavia, a lei brasileira considera o animal como objeto, incluindo-o no rol dos bens a serem partilhados de acordo com o que ditar o regime adotado, inviabilizando, a princípio, a disposição sobre guarda e visitas. No entanto, já tramita na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei n. 1.058/2011, que dispõe sobre a guarda dos animais de estimação nos casos de dissolução litigiosa do vínculo matrimonial ou da união estável entre os donos, com regulação do direito de convivência e vedação ao cruzamento ou alienação, sem o consentimento da outra parte. No que se refere à guarda do animal, prevê o projeto, deverá ser observada a sua eventual propriedade exclu48

siva, o vínculo de afinidade e afeto, o ambiente adequado para a morada, a disponibilidade de tempo, condições de trato, de zelo e de sustento. Respeitadas tais condições, não havendo consenso, o juiz poderá deferir a guarda em sua modalidade unilateral, concedida a uma só das partes, cabendo àquela que não fique com o animal o direito de visitar e de fiscalizar o exercício da posse da outra, em atenção às suas necessidades específicas. Sendo outra opção a guarda compartilhada, quando o exercício da posse responsável for concedido a ambas as partes, estabelecidas suas atribuições e os períodos de convivência com o animal, podendo o magistrado basear-se em orientação técnico-profissional para a realização da justiça no caso concreto. Além da iniciativa do legislador federal, o cenário está sofrendo outras mudanças aplausíveis, e os juízes, provocados pelos cidadãos, vêm decidindo sobre guarda e convivência de animais em casos de dissoluções de casamentos e uniões estáveis, com alicerce nos mesmos pressupostos do texto do projeto.

Rodrigo Fernandes Pereira é advogado, sócio do escritório André Mello Filho Advogados Associados, Membro do Instituto Brasileiro de Direito de Família - IBDFAM.


SHARON STONE PARA

CENTRAL EXECUTIVA DE NEGÓCIOS | 47 3361.2000 WWW.FGEMPREENDIMENTOS.COM.BR

UTILIZE O LEITOR DE QR CODE DO SEU CELULAR OU TABLET PARA CONHECER OS ÚLTIMOS LANÇAMENTOS DA FG EMPREENDIMENTOS.

49


50


O dano estético e o dever de indenizar

Direito

Por Cleusa Maria Pfeifer

A

música “Keep Young and Beautiful”, gravada pela fantástica Annie Lennox (Mantenha-se jovem e bonita/É o seu dever ser bonita/ Mantenha-se jovem e bonita/Se você quer ser amada), é, a nosso ver, e como disse Caetano Veloso, “a mais completa tradução” da atual supervalorização da aparência física. Nesse viés, o Brasil é um dos países onde mais se realizam cirurgias plásticas de ordem estética, ocupante da 2ª posição no ranking mundial, só perdendo para os EUA. Sem dúvida, a Medicina sofreu avanços inimagináveis e, devido à melhoria da qualidade de vida e ao aumento da longevidade, é fácil de se compreender o desejo de prolongar a juventude. Com o crescimento das cirurgias plásticas, vemos alguns profissionais da Medicina Estética - o que não é regra, por certo - agindo de modo irresponsável. Ora, é dever do médico alertar o seu paciente acerca dos riscos e da real possibilidade de atingir determinado resultado. Antes de tudo, a Constituição Federal assegura o direito à saúde como direito fundamental, sendo que a reparação do dano à integridade física surge dessa proteção positivada na lei maior. Porém, como qualquer outro prestador de serviços, o médico também está sujeito às regras estabelecidas no Código de Defesa do Consumidor, pois o direito à informação é uma garantia consagrada pelo artigo 6º, III, do CDC, além de um importante instrumento de equilíbrio na relação médico-paciente. Embora o art. 14, § 4º do Código de Defesa do Consumidor, disponha que os profissionais liberais estão sujeitos à responsabilidade subjetiva - que depende de verificação de culpa -, a tese dominante em casos de cirurgia plástica meramente estética, onde paciente saudável se submete à intervenção com a única finalidade de melhorar sua aparência, é a da responsabilidade objetiva (art. 14, caput, do CDC). Essa é a tese prevalecente, inclusive, nos julgados do Tribunal de Justiça/SC. Nessa linha, deixando a intervenção cirúrgica de atingir o escopo desejado e previamente definido pelo profissional com seu paciente, responde o médico, objetivamente, pelos danos causados ao consumidor, salvo se demonstrar

alguma causa de exclusão de culpa. E responder se consubstancia no dever de indenizar o dano causado. A depender da situação, a indenização pode ser de cunho material, moral ou estético, destacando que os danos morais são cumuláveis com os estéticos, nos termos da súmula 387 do STJ, pois suas naturezas não se confundem, ainda que possam derivar do mesmo fato. Por fim, vale lembrar a importância de escolher um profissional que tenha credenciais para cumprir o que promete, com registro no conselho da respectiva especialidade, sem perder de vista que a legislação ampara o consumidor que for lesado. Cleusa Maria Pfeifer (OAB/SC 14.689-B) é advogada graduada pela UFRGS, pós-graduada em Direito Público, Especialista em Direito do Consumidor e Sócia da Senso Consultoria - Soluções Sustentáveis.

51


Comporta-

mento

Por Ariela Diniz

Não fume, D

iria o poeta Mario Quintana que fumar é uma maneira sutil, e disfarçada, de suspirar. O cigarro entrou na vida das pessoas junto com os heróis das propagandas de cigarros ou as divas do cinema. Podia ser consumido em qualquer lugar. Era até chique. Tempos depois ele se tornou um dos piores vilões da saúde, foi proibido de ser consumido em lugares fechados e é acusado como um dos maiores causadores de câncer. Mas como quebrar esse hábito arraigado por tanto tempo entre as pessoas? Como adquirir um hábito mais saudável, que só fará bem para a saúde? Essa é a briga que milhões de pessoas ao redor do mundo enfrentam quando decidem parar de fumar. Não é nada fácil. É parecido com outras brigas, como emagrecer ou acabar com o vício do jogo. Mas o mercado tem criado alternativas que ajudam esses consumidores do vício que não cansam de ‘suspirar’. Com a frase “Não fume, vaporize”, os cigarros eletrônicos surgiram no mercado como uma saída para os fumantes continuarem a ser sociáveis sem ingerir os milhares de produtos tóxicos do cigarro comum. “Acredito que o vaporizador tem menos toxinas que o cigarro comum e por isso é menos prejudicial à saúde. Outra vantagem é o cheiro. O vaporizador não tem cheiro e você pode “fumar” em qualquer local: dentro do carro, do quarto e até nos restaurantes e casas noturnas, sem poluir o ambiente e prejudicar as pessoas que não fumam”, diz o publicitário e fotógrafo Rogerio Amendola, usuário dos cigarros eletrônicos. Outra usuária do vaporizador, Andrea Druck, afirma: “o que parecia impossível aconteceu. Parei de fumar e passei a vaporizar! Sem cheiro, sem fumaça e sem os 4.982 produtos tóxicos do cigarro, fiquei só com a nicotina - dizem que

52

é o menor dos males - e com o prazer do gesto e da inspiração e expiração da “fumaça-vapor”. Não incomodo mais ninguém e não tenho mais o incômodo de fumar na chuva, no frio ou nos lugares aos quais os fumantes são relegados, o que segue não estando certo na minha opinião, mesmo como ex-fumante”. Deixar de fumar é um desafio e tanto. Porque o cigarro muitas vezes serve de apoio para aliviar a tensão, ansiedade ou nervosismo. Por isso o cigarro eletrônico vem como uma boa alternativa, já que mantém esse escape emocional sem prejudicar os pulmões. Ele é composto por uma bateria e uma carga que pode conter ou não nicotina. É um dispositivo que produz vapor inalável em diversos sabores e imita a sensação física semelhante à inalação do tabaco sem a combustão da fumaça. A substância exalada é vapor de água e não prejudica as pessoas que estejam ao redor. Muito menos a si mesmo. O cigarro eletrônico visualmente parece muito com o verdadeiro. Tem a mesma cor branca e amarela, mesmo formato e até a ponta acesa quando ele é tragado. Mas existem vários modelos disponíveis no mercado, com formatos de charutos, cachimbos e cigarrilhas. O que faz a maioria das pessoas continuarem fumando é o ritual, a cerimônia de um ato social, aliada ao uso da nicotina. O método do cigarro eletrônico surge aí como um facilitador para quem gostaria de parar de fumar. É difícil mudar mais de um hábito ao mesmo tempo, por isso vaporizar enquanto continua-se convivendo no mesmo meio social é um passo a mais para que parar de fumar não seja um desejo colocado lá no futuro distante, mas no futuro de amanhã. É como se a força de vontade ganhasse uma ajuda extra.


Foto da campanha de publicidade da Antonio Villárd Premium Eletronic Cigars (www.antoniovillardcigars.com)

Os cigarros eletrônicos são uma ajuda e tanto para quem deseja parar de fumar 53


Comporta-

mento

A vaidade e a autoestima

Fotos: Divulgação Dove / PA Wire

Por Juliana Belli Vieira

Modelos reais, para ilustrar a campanha da Dove a respeito da verdadeira beleza

54


E

spelho espelho meu. Todo mundo ama espelhos, assim como eu? A vaidade é um sentimento tão característico do ser humano que é difícil imaginar alguém totalmente dela desprovido. Pecado capital, uns afirmam. Definida pelo dicionário Michaelis como: “vã, fútil, instável e de pouca duração”. Mesmo reconhecendo que ela não seja inofensiva e nem se trate de uma virtude, por que amamos e valorizamos a própria imagem e com muito entusiasmo a defendemos? Todos, pode-se afirmar sem exageros, em algum ponto, são movidos pela vaidade, essa sedutora. A vaidade cria em torno de si um ciclo de comparação e competição, bastante estimulada na cultura atual, que defende a ideia de que sejamos os mais belos, jovens, bem-sucedidos e felizes. Assim, construímos a ideia de que somos capazes de nos tornar a mocinha ou o herói dos filmes e novelas. Mas a realidade é falha e não tem filtros, como aqueles das redes sociais. Nem nos permite escolher o melhor ângulo e o melhor sorriso. Essa necessidade de maquiar a dor, as preocupações, as dúvidas, inseguranças, o mal-estar, o cansaço ou a falta de tempo, demonstra uma tentativa de negá-los e afastá-los da nossa consciência. Machado de Assis, no texto onde a vaidade faz um discurso, profere as seguintes palavras: “por que te remiras ao espelho com amor, senão porque eu te consolo da tua miséria e do teu nada”. Com tanta atenção dedicada às aparências, tiramos de foco nossas questões profundas e essenciais da existência. A busca pela satisfação via vaidade nunca é completa, pois tende a ocultar a verdadeira necessidade de aprovação de si, e isto resulta em inesgotáveis tentativas de reconhecimento pelos outros. Busca-se fora aquilo que deveria vir do próprio eu. A vaidade é considerada um vício porque não leva ao crescimento - e como é difícil livrar-se dela! Prontamente oferece um novo objeto, um novo cosmético, um novo carro, ou algo do gênero, sempre dando respostas imediatas. Ao contrário do que se possa pensar, vaida-

de não indica uma boa autoestima. É possível que justamente se tente suprir a falta de autoestima com o excesso de vaidade. Enquanto gastamos tempo e energia consideráveis para nos sentirmos admirados, para chamarmos a atenção de alguma forma, seja pela beleza física, pelo dinheiro, poder, status, inteligência ou conhecimento, nos afastamos de nós mesmos, desconhecemos os verdadeiros interesses pessoais, os próprios desejos e valores. É inevitável que, em algum momento da vida, nos deparemos com a seguinte questão: estou satisfeito comigo, com minhas escolhas e meu modo de vida? Todos temos um ideal do ego, e nos comparamos com este ideal. Sobre o assunto, o psiquiatra Flávio Gikovati esclarece que o sentimento de inferioridade ocorre quando esse referencial é inatingível, é injusto. Neste caso, é preciso rever estas exigências, e trabalhar pela aceitação. Em outros casos, a insatisfação consigo próprio é por não se sentir confortável com as próprias atitudes, mesmo tentando sustentar uma imagem de que se está ótimo. Sentir que se está abaixo dos critérios desejáveis para si e isto causar um sofrimento psíquico. Diante de tal situação, deve-se tentar entender as dificuldades de realização e buscar mudanças fundamentais nas ações. Quando agimos de acordo com nossas próprias convicções, a autoestima cresce e se fortalece. Podemos, então, enxergar muito além da imagem refletida no espelho e conhecer a própria verdade, encarar algumas limitações, valorizar o que se tem e desenvolver a capacidade de aceitação ou mudança. Um grande desafio, que pode levar uma vida inteira. O objetivo talvez seja ambicioso, mas amadurecer, ter sabedoria e viver em paz consigo é o que nos torna capazes de ser melhores que nós mesmos a cada dia, e genuinamente mais felizes.

Juliana Belli Vieira é psicóloga (CRP 12/8057). psicologajulianabelli@gmail.com

55


Dermato-

logia

Laser fracionado, a hora é agora! Por Mariana Barbato

V

árias são as tecnologias que visam o rejuvenescimento sem cortes. O laser fracionado vem se destacando há alguns anos por ser uma opção segura, moderna e de resultados surpreendentes. O laser fracionado é assim chamado porque a luz do laser incide em pequenos pedaços da pele, coagulando essas regiões e deixando áreas de pele normal (fracionamento). Isso é importante, pois por mais que o raio laser consiga atingir a derme profundamente, o tempo de recuperação do procedimento é rápido, já que a pele normal que sobrou ao redor da lesão logo contribui para a cicatrização e a reparação da pele. Apesar de atingir a profundidade da pele formando pequenas fissuras e estimulando o colágeno (principalmente com o laser de CO2 fracionado), o paciente que se submete ao tratamento logo pode voltar para as suas atividades diárias. Esta tecnologia é indicada para quem busca melhora da firmeza e da textura da pele da face e de outras regiões do corpo (pálpebra, pescoço, mãos, braços, entre outras). Além disso, esse laser pode ser utilizado para clarear manchas, melhorar cicatrizes de acne (espinhas), cicatrizes pós-cirúrgicas e estrias. Este procedimento é realizado em consultório médico, e o número de sessões varia de acordo com a necessidade do paciente. A aplicação é desconfortável, portanto contamos com recursos como anestésicos, analgésicos e gelo/ar gelado durante a sessão, que dura em média 30 minutos. É muito importante uma avaliação antes de realizar esse tratamento. Nela, o médico irá avaliar se o procedimento virá de encontro às expectativas do paciente, além de informações como: profilaxia de herpes (principalmente para pacientes que já apresentaram lesões de herpes no passado), cuidados com a exposição ao sol e à luz e demais cuidados após o laser. Quando bem indicado e realizado de forma segura, os resultados são maravilhosos e as pequenas fissuras abertas pelo laser também servem de canais para penetração de cremes e tópicos após o procedimento, servindo como “drug delivery”, o que contribui para intensificar o tratamento e melhorar ainda mais os resultados.

56


57


Angra dos Reis | Rio de Janeiro

Turismo

Nacional

A

Delícias do mar

s paisagens exuberantes, águas esverdeadas, areias clarinhas e outras inúmeras belezas naturais, aliadas ao conforto e à privacidade, fazem de Angra dos Reis é um dos destinos mais famosos do Rio de Janeiro. Além de toda harmonia com a natureza, a cidade preserva construções representativas do período de colonização do Brasil. O centro histórico possui inúmeras atrações e pontos turísticos, já que a cidade foi uma das primeiras regiões descobertas no Brasil e tem muita história para contar. Grande parte das construções são dos séculos XVII e XVIII, e já foram imponentes igrejas, conventos e monumentos influenciados pela Igreja Católica. Os mais visitados são o Convento São Bernardino de Sena, a Igreja matriz de Nossa Senhora da Conceição, a igreja do Carmo e de Santa Luiza, o Teatro e o Mercado Público Municipal e a Casa de Cultura. O Forte do Leme é longe do Centro, mas vale a pena incluir no passeio. Passear de barco pelas diversas ilhas e suas belas praias é uma programação imprescindível. Há lugares maravilhosos, com águas cristalinas, uma grande diversidade marinha ressaltando 58

toda a beleza de uma região que está muito bem preservada. Em destaque, a agitada Praia de Jurubaíba na Ilha da Gipóia e todas as belas praias de Ilha Grande. A mais incrível delas é a pequena Lagoa Azul, com água incrivelmente transparente, que permite visualizar a sua diversidade marinha à distância. Ilha Grande, que hoje é o ponto mais movimentado de Angra, foi um presídio de segurança máxima que abrigava os presos mais perigosos do país. Hoje, celebridades do mundo todo querem comprar ou construir seus belos refúgios e mansões nas cobiçadas ilhas. A Ilha da Mandala fica entre a Praia Grande e a do Frade, e é mais conhecida como Chivas Island. Alguns comparam as festas ao balneário de Ibiza, na Espanha. Grandes eventos já aconteceram na Ilha da Mandala e iates e lanchas brigam por um lugar ao sol ali. Os visitantes contam com um serviço de barco que faz o translado entre as ilhas. O lugar é uma espécie de parador com ótimas opções de restaurantes, massagens, trilhas, piscinas naturais e uma casa noturna com capacidade para 1500 pessoas, onde DJs renomados do mundo todo já tocaram.


Fotos: Divulgação

A Praia do Tanguá, que já foi uma fazenda em estilo colonial, hoje abriga um hotel 5 estrelas, o Vila Galé Eco Resort, administrado por renomado grupo português especializado em hotelaria internacional. O acesso à bela praia é reservado apenas para os hóspedes. Outros dois grandes hotéis disputam célebres hóspedes oferecendo muito conforto, luxo e diversas opções de entretenimento. O Portogalo Suíte Hotel possui a marina mais bem equipada da região e tem um teleférico para fazer o transporte dos hóspedes até a praia. O Hotel do Bosque Eco Resort tem estilo rústico, uma piscina gigantesca e interação total com a natureza. Para chegar até a praia, é necessário atravessar o Rio Mambucada e, então, visualizar a junção entre o mar e o rio, um verdadeiro paraíso, com direito a um enorme quiosque com ótimas opções gastronômicas. Sofisticação aliada a séculos de histórias, Mata Atlântica por todos os lados e banhada pela imensidão do mar azul. Angra dos Reis é uma verdadeira expressão de requinte do litoral brasileiro.

Fonte: LEVIP TOUR Fone: 48 3223 8666 www.leviptour.com.br 59


Las Vegas | EUA Turismo

al

Internacion

L

as Vegas é pura diversão. Uma cidade mágica, que não para, e tem uma energia que contagia e impressiona. A qualquer hora do dia ou da noite você verá pessoas caminhando nas ruas e, depois de alguns dias por lá, perderá a noção do tempo após ter passado algumas horas dentro de um grande hotel ou cassino. A imensa maioria dos bons programas da cidade estão dentro destes hotéis, localizados no Las Vegas Boulevard, mais conhecido como a Strip. Strip é o caminho que começa no famoso hotel Mandalay Bay e segue em direção à torre do Stratosphere. Este é o principal trecho da Las Vegas Boulevard, a avenida que cruza toda a cidade, é fervorosa e cercada por deserto por todos os lados. Nessa avenida, tudo acontece com muita fluidez, há várias passarelas suspensas e subterrâneas, os hotéis oferecem entradas alternativas para pegar e levar hóspedes e o principal transporte público é o Monorail, o mais utilizado entre os visitantes. Uma das melhores atrações da cidade é caminhar pela Strip ao anoitecer. A movimentação de turistas do mundo todo, as opções de compras, as apresentações ao ar livre de artistas de rua e a maravilhosa sequência de luzes ressaltam ainda mais as características excêntricas e mágicas deste lugar. Em Las Vegas você certamente vai se empolgar e será impossível não fazer ao menos uma aposta. Tudo e todos são estimulados para isso. Quem aprecia roletas e muita diversão deve ir ao Casino Royale. Para quem curte pôquer, as mesas do Ceasar’s são as mais indicadas; e 60

Orgia das luzes

para os adeptos ao caça-níqueis, há infinitas possibilidades. Grande parte dos hotéis possuem seus cassinos e as opções de entretenimento, como baladas ou casas de espetáculos, bares, restaurantes e inúmeras atrações, mas o show de águas, luzes e música que acontece todas as noites no Hotel Bellagio é um momento imperdível. É possível assistir gratuitamente na rua em frente, ou fazer reserva para jantar num dos restaurantes do próprio hotel. As melhores vistas do show são do Restaurant Olives e do Bar Hyde. As opções gastronômicas são inúmeras, muitos hotéis são temáticos e suas cozinhas também. Em destaque o L’Atelier, do renomado chef Joel Robuchon, que fica no MGM Resort. Há outras opções extremamente sofisticadas pela cidade, como o Krug Room, no Ceasar Palace, o Alizé e o Nove, ambos do Palms, e o Top of the World, do Stratosphere. Ele é o edifício mais alto da cidade, com uma torre de 305 metros, onde há uma montanha-russa e outras duas atrações para os mais corajosos e viciados em adrenalina. A cidade é toda extravagante e tem se superado a cada nova atração temática. Em um momento você vai se sentir em Paris ou New York e logo poderá estar em Veneza, com direito a canais, gôndolas e gondoleiros. A cidade oferece um mundo de possibilidades e não há limites para a felicidade em Vegas. E sim, o velho ditado “what happens in Vegas, stays in Vegas” pode (e deve) valer em diversas situações.


Fonte: LEVIP TOUR Fone: 48 3223 8666 www.leviptour.com.br

61


Cultura

O universo criativo de

Augustin Por Bruna Dutra

A

ugustin de Lassus faz parte dos talentos da atual geração de artistas. Apesar de o nome revelar sua origem francesa, o jovem nascido em Toulose - região localizada no sul da França e conhecida por ser um importante centro de arte - vive desde criança em Florianópolis. Nos seus trabalhos, ele reúne o contraste dos dois mundos. Os traços marcantes e as cores vivas formam seus desenhos retratados em temas como urbanismo, criminalidade e poluição. Ao mesmo tempo, seu trabalho é caracterizado pela mistura de diferentes linguagens e compõe um univerno lúdico e inspirador. “Eu gosto de arte abstrata e conceitual, mas meu foco realmente é um trabalho mais figurativo. Simplesmente sinto necessidade de utilizar a minha linguagem da forma mais universal possível”, diz. Hoje com 28 anos, Augustin começou a desenhar ainda criança. A veia artística sempre esteve presente na família e foi transmitida por sua mãe e avôs, através de aquarelas e trabalhos manuais. Apesar de ser autodidata na pintura, ele é formado em Design Gráfico pela Universidade Federal de Santa Catarina. Seu trabalho tem influências de artistas como Paul Gauguin, Henri Matisse e Cândido Portinari, da arte de antigos povos como os celtas e egípcios, do design contemporâneo e da moda. Além de referências pessoais que 62

traz na bagagem, provenientes dos lugares onde morou, como País Basco, Havaí e França. Desde pequeno se interessa por elementos históricos diversos, como as cavernas e os satélites. Mas foram os castelos que se tornaram marcas registradas do seu trabalho e, assim, acabaram se transformando em uma linha de obras decorativas. “As bases largas e as torres visando o céu, fazem com que os castelos transmitam a sensação de estabilidade visual para quem os têm na parede”, afirma. No ano passado, os castelos e outros desenhos iniciaram uma nova fase de sua carreira. Pela primeira vez, Augustin expôs fora de Santa Catarina. Desde então, se prepara para percorrer o Brasil e o exterior, mostrando sua arte genuinamente franco-brasileira. Além dos quadros, Augustin trabalha com oficinas de pintura para crianças, mantém parceria com uma empresa de roupas, na qual estampa desenhos em algumas peças, e com a donc! [empresa com novo conceito de difusão de arte, leia a matéria nesta edição]. “Através do meu trabalho, eu gostaria de ajudar a sociedade e o mundo a evoluir de forma positiva. O artista pode ser um agente de mudanças muito respeitável, mas para ser ouvido ele tem que assumir um grau de notoriedade considerável antes”, revela ele, com simplicidade e perspicácia.


63

Foto: Rogerio Amendola


Cultura

Edição

limitada

Por Bruna Dutra

A

ideia começou no segundo semestre de 2012. A princípio, envolvia angariar fundos para a melhoria da ala oncológica do Hospital Infantil Joana de Gusmão, em Florianópolis, através de desenhos feitos por crianças. Artistas locais fizeram a releitura e garantiram o sucesso do Projeto Pequenos Gigantes. A repercussão da ação chamou a atenção de um dos organizadores do projeto, Thomas Pessoa, principalmente pelo grande número de pessoas que queriam comprar as obras. Junto com os artistas e o antigo sócio, Diego Viera, eles pensaram em um negócio que pudesse “levar arte para todo mundo”. E assim criaram a donc!, um site de arte em edição limitada. “Foi um projeto em conjunto. Eu acredito no que estamos fazendo. A gente se preocupou muito em criar um negócio em que ninguém fosse canibalizado no processo. Por isso fizemos um empreendimento no qual todos se beneficiam e tornam o negócio duradouro”, diz Pessoa. Com a saída de Diego Viera, o empresário, Alessi Soncini assumiu a sociedade. Junto com Thomas Pessoa e mais 11 talentosos artistas, entre eles Luciano Martins, Alexandre Freire, Flávia Tronca e Augustin de Lassus, eles têm proporcionado a venda de obras a um preço acessível e com muita qualidade. As obras da donc! são reproduções de edições limitadas, numeradas e exclusivas, que

levam a assinatura do artista e um certificado de autenticidade. Bem diferente de um pôster, são impressas em canvas seguindo fielmente a obra original de acordo com as particularidades de fine art. A técnica giclée - termo francês para indicar reproduções feitas com impressoras e materiais especiais - é usada nas reproduções e garante qualidade de museu, com durabilidade superior a 150 anos. Os artistas participam de todo o processo. São eles os responsáveis por supervisionar e aprovar cada reprodução. Além disso, também escolhem a tiragem e o tamanho. Logo outros profissionais farão parte do quadro de artistas, bem como os fotógrafos André Paiva, Gabriel Vanini, Michel Téo Sin, Gabriella Cameu e outros. Quem estiver em Santa Catarina pode conferir ao vivo a exposição das obras na Galeria Luciano Martins, no Shopping Iguatemi, Continente Park Shopping e Blumenau Shopping. Mas todas as vendas são feitas apenas pelo site, sem frete e com garantia de 110% de troca caso não gostem, o que de fato não aconteceu até agora. Para o sócio Thomas Pessoa, o principal objetivo do trabalho tem sido atingido.“O que eu vejo é que as pessoas que compram na donc! são aquelas que não entram na galeria para comprar e isso me deixa feliz: levar arte para quem não tinha costume de comprar arte e nem acesso, mas agora pode”.

Equipe Donc!: os sócios Thomás Pessoa e Alessi, com Gabriella, noiva de Thomás e fotógrafa da empresa

64


Com um conceito criativo de difusão, a Donc! tem conquistado corações e paredes de um público que até então pouco consumia arte

Esquerda: Luciano Martins, releitura de O Beijo, de Klimt; Abaixo: Alexandre Freire, Pela Ponte.

65


Cultura

Por Rodrigo Kurtz

Gabriel García Márquez

Autor de alguns dos romances mais importantes e tocantes do século XX e mestre do realismo mágico latino-americano, Gabriel García Márquez acaba de ganhar da Editora Record um tratamento todo especial. Em comemoração aos 85 anos do escritor, os títulos pertencentes ao selo foram reeditados com novo projeto gráfico. O Amor nos Tempos do Cólera; Crônica de uma Morte Anunciada; Doze Contos Peregrinos e Relato de um Náufrago acabam de chegar às livrarias com uma roupagem mais bonita e moderna.

Marilyn Monroe desnuda Marilyn, de Norman Mailer, é finalmente traduzido no Brasil (40 anos depois de seu lançamento original). Nesta biografia de um dos maiores ícones do cinema, o autor procura desvendar a mulher por trás do símbolo sexual. Afiado, poético e emocionante, o texto nos apresenta uma mulher que é bastante diferente da loura ingênua. Manipuladora, inteligente e bastante determinada, Marilyn Monroe sabia exatamente onde queria chegar. Assim como em Clarice, de Benjamin Moser, e nas Cartas, de Caio Fernando Abreu, essa biografia nos aproxima do mito, ao desnudá-lo e humanizá-lo.

Falando nisso... Outro mito cuja intimidade ficou encoberta pelo tempo foi Alfred Hitchcock. A impressão de um senhorzinho bondoso e calmo cai por terra quando assistimos a interpretação de Anthony Hopkins em Hitchcock (Fox-Sony Pictures Home Entertainment). O filme é um recorte da vida do genial cineasta durante a produção do clássico Psicose, e os problemas que ele teve para levar o filme adiante - com o estúdio, que considerava a ideia ousada demais para a época, e com a sua esposa, Alma (Helen Mirren), cansada da obsessão do marido por suas loiras gélidas e pela morbidez. Imperdível! 66


67


ned PibynAdri Althoff

c... ão de filmes, es ea dee tpro duç Film filme. s o de um , empre

dio uçã ovie Stu tapas de prod para TV e interA My M e s s a a nto, m s toda casame , progra realiza cionais tos, vídeos de tão entre tu ti s in Vídeos de even s musicais es Confira o erturas pe a. net, cob ers e cli s pela empres il a tr o ofs, making os desenvolvid .com.br alh iestudio os trab .mymov w w w : site

Moda Masculina?

Homens delicados, tecidos transparentes, estampas florais, saias e vestidos são tendências para a moda primavera-verão 2014. Essa foi a aposta de alguns estilistas que desfilaram suas coleções na Semana de Moda Masculina de Paris. O estilista dinamarquês Vibskof vestiu modelos com saias e vestidos de modelagem A. O belga Raf Simons, diretor artístico da Dior, misturou saias com calças curtas e camisas coloridas. Martin Margiela usou transparências e bordados delicados. O belga Dries van Noten e o sul-coreano Philip Lim trouxeram as estampas florais para a passarela. Será que a moda pega?

a Zippoexistência Carteirais d de 80 anos de

m ma A marca Zippo te s ela também us isqueiros, ma se r po sa mo fa eé s e uma carteime rfu pe , relógios fabrica canetas, da. ça foto, recém-lan ra como esta da paço interno es m co x, ino o de aç A carteira é feita ntos. Fechame cu do e , dinheiro para seis cartões a ur e custa U$ e 1cm de espess da mede soment Zippo. 49,95 no site da

Viajando co

m estilo As malas Cube são modernas, resistentes e leves, além de ter um design moderno e atra tivo. Com alça su perior e lateral, fo rro e divisor inte rno de malha com zí per, cintas elás ticas, rodas Spinner 36 0º e cadeados TSA. Preços: 55cm (b ordô): R$ 799,00 / 66 cm: R$ 899,00 / 73 cm: R$ 999, 00. SAC: (11) 5181 1617 - www.sam sonitebrasil.com.br 68


Beiramar Shopping lança novo site Layout moder

no com destaque para as novidades, mais interatividade, facilida de para navegar, integração entre as plataforma s de comunicação digital e também entre os diferen tes conteúdos. Essas são algumas das novidades do novo site do Beiramar Shopping, desenvolvido pela Qualé Digital. “O Beiramar está complet ando 20 anos e, para com emorar essa história, querem os que os clientes e internautas estejam ainda ma is próximos do empreend imento. O novo site é mais uma forma de ampliar ess e contato com o público”, des taca Carlos Pamplona Jr., gerente de marketing do shopping. De acordo com Carlo Manfro i, sócio-diretor da Qualé Digital, o objetivo foi deix ar a comunicação digital do Beiramar Shopping mais leve e atualizada, além de permitir maior interação com os clientes por meio de uma plataforma mais am igável. “As alterações fora m realizadas do ponto de vist a do consumidor/internauta, de como as pessoas nav egam na internet”, explica . O novo site reúne, em um único canal, as diversas plataformas de comunicaç ão digital do Beiramar Shopping, como o site, o blo g e as redes sociais. Além disso, o layout destaca os principais conteúdos e vídeos e mostra uma paleta de cores modernas. Confira as novidades em www.beiramar.com.br

Bate Ponto apresenta novo menu assinado pelo chef Narbal Correa FloriaUm dos restaurantes mais tradicionais de ado assin menu agora tem , Ponto Bate o nópolis, de uma pelo renomado chef Narbal Correa. Há mais mar, década servindo pratos à base de frutos do para o” ezinh “man chef um heu o Bate Ponto escol ria criar opções exclusivas que resgatam a culiná e dos icidad simpl a volta de r traze íamos “Quer ilhéu. sem mas mar, do frutos e pratos feitos com peixe ceperder a qualidade e o sabor que sempre ofere Bate do esário empr , Mafra o mos”, explica Muril Ponto. cozinha Seguindo o conceito da cozinha terroir, ou s será prato dos ma ia-pri de “origem”, toda a matér apenas da região. “O novo cardápio será assim, feito para só ão exceç abrir s Vamo . daqui com alimentos na, não o bacalhau, que, por ser uma comida açoria tem como ficar de fora”, explica Murilo.

SC da TVCOs,M 13 anosem dia 6 de julho, no ano 13 u oro

A TVCOM com na al na Confraria Club, com uma festa especi Florianópolis rende Gra da s ade alid Capital. Person nto e tronomia, entretenime lacionadas à moda, gas ta. fes da es triõ o time de anfi jornalismo formaram a Campos, mir Sa ão, ers div e a Com direito a músic Maria dens, Simone Bobsin, Pedro Leite, Rúbia Lai Jordana Pires, s, iro rre Ba to Be es, Claudia Menez r, o Igor, Fernando Mansu Edmilson Ortiz, Renat f, que hof Alt na ria Ad Faraco e Mané Ferrari, Rodrigo o dia, foram sm me no io sár ver comemorou seu ani s para convidaram seus amigo as estrelas da noite e . OM TVC da e momento celebrar este important 69


Expansão

ned PibynAdri Althoff

Chef Joyce Francisco

Após fidelizar cli entela nos rest aurantes Joy Joy Bistrot e En joy Cuisine du So leil, o primeiro hoje instalado na charmosa Bo caiúva, uma da principais vias s gastronômicas de Florianópolis, o segundo em Ju e rerê Internacion al, a chef Joyce Francisco (foto ), ao lado do se u marido, o em sário Edir Fran precisco, acaba de inaugurar a casa de massas Dom Pompieri - vinho , pizza e pasta, no Centro Histór ico de São José , onde já funcionou o Joy Joy Bi strot. O novo empree ndimento, com o o nome sugere é especializado , na culinária ita liana. “É uma proposta difere nte, com muita s receitas cláss italianas e o meu icas toque especial”, adianta Joyce, mineira radicada em Santa Cata rin a. Ela assina o cardápio, mas quem estará a frente da cozin Dom Pompieri, ha do sob a tutela da chef, será o sous chef Fernando Gi usti. “Será uma casa voltada à família, com qu alidade e preços bem acessíveis completa Joyce, ”, que não cansa de desbravar novos horizonte s na gastronom ia.

o ta Cruz n n a S o c i Artista T nomia & o r t s a G Babilônia ia. C vocalista positor e

om em político, c z esteve r, ativista Santa Cru o o n ic T o p O escrito s a ta Detonau um bate-p da banda ara participar de . up estyle Blumena markt Lif mpre Neu evento Se

Álbum de luxo

Aproveitando a ten dência do mercado de luxo, o Estúdio Jared Windmüller está lan çando o álbum de casamento com fot ografias impressas em pape l fineart. Fabricado pela empresa alemã Ha hnehmühle, este ma terial é exclusivo e mais sofisticado. O objet ivo é transformar as fot ografias do casame nto numa obra de arte, através da impress ão fotográfica em papé is nobres. Onde encontrar: Es túdio Jared Windmü ller - Rua das Algas, 73 3, Jurerê Internacion al, 3369 1673 ou 9692 1999 - www.jaredwi ndmuller.com - www. jaredwindmuller.c om/blog - @jaredwindmulle r

70


Cordas Sonoras

Da Ilha Quarteto de Cordas é uma referência em qualidade e boa música. Conta com um vasto repertório, que vai da música erudita à MPB. É composto por músicos profissionais experientes, provenientes de renomadas orquestras catarinen-

ses. Reúne um conjunto de fatores que farão do seu evento uma experiência única, perpetuando os bons momentos. Site: www.dailhaquarteto.com Email: contato@dailhaquarteto.com Telefone: (48) 9122 9063

Gastronomia na palma da mão

Para quem está sempre viajando, a busca por um bar ou um restaurante pode ser um grande desafio, e até mesmo um incômodo. Para acabar com isso, um grupo de jovens surpreendeu o mercado com uma proposta inovadora para a área de gastronomia. O aplicativo BuscaPrato, vencedor da última edição do Startup Weekend Curitiba, permite que o usuário localize o prato que deseja comer (massa, feijoada, frutos do mar, etc) e quais são os mais recomendados pelos usuários, em 10 cidades brasileiras. Disponível para os sistemas iOS e Android, o BuscaPrato já possui, até o momento, mais de 200 mil pratos e 3 mil estabelecimentos cadastrados. E este número, assim como as cidades contempladas, só tende a crescer. O aplicativo é gratuito. Mais informações no site: www.buscaprato.com

Design for All

evento Florianópolis será a cidade-sede do maior Design, de leira Brasi l Biena a brasileiro de design 2015 na que ocorrerá de 15 de maio a 7 de junho de n for capital catarinense. O tema escolhido foi “desig all” ou simplesmente design para todos. a, que O tema reflete um conceito surgido na Europ acessià e ão inclus à n desig o relaciona fortemente pensado bilidade. “Quando o design do produto for lde forma a atender bem às pessoas com dificu ado dades, o produto ficará melhor e mais adequ all, a todos”, resume o espanhol Francesc Arrag interiro parce All, for n Desig ção fundador da Funda nacional da V Bienal Brasileira de Design. InIniciativa do Ministério do Desenvolvimento, l será dústria e Comércio Exterior (MDIC), a V Biena oção de Prom de leira Brasi ia Agênc pela izada organ e realizaExportações e Investimentos (Apex-Brasil) Catarina da pela Federação das Indústrias de Santa n (SC Desig de e inens Catar iação Assoc (FIESC) e pela Design).

adega! Um shownede a, abaixo do nível do

Uma adega subterrâ s, ação do Ostradamu mar, é a mais nova atr tos do mar. fru em o zad ali eci restaurante esp oniias opções de harm São 248 rótulos e vár a cas a e qu sos pratos zação com os saboro rrafas é o ga 00 30 ase qu oferece. A adega com tauBarcelos, dono do res xodó do chef Jaime s. iador de vinho rante e grande aprec Baldicero Filomeno, Ostradamus: Rodovia - Florianópolis, SC a Ilh 7640 - Ribeirão da

71


Adri Piazza

Social | Florianópolis o com abalha junt eira, que tr rm a, e fe ag en Fr a, do tico Eduar Tatiana Frag rurgião plás ires, dona da Lacca ci o , ão id o mar aga P ia Daniela Fr ão Thiago, que é seu a empresár S a ag Fr ia s e objetos át K ja de móvei lo Móbile, com a m si lís o na be Carreirão, em braço direit na Travessa ca fi e qu o de decoraçã lis. Florianópo

Foto: Marco

lo Santos

Foto: Ange

Dutra

s ndes, e o ue Ferna feld, PC q ri n e H n O top DJ Rico Gru ndi em resários Orla a ik top emp K r e . Em ua mulh e Floripa Ávila e s a noite d omandam n ta s fe a ec badalad sentam r les repre temos de melho tempo: e e u q a d o a ia h Il tr s a com mae nimento na noss Divino, te em entre ectivamente, El p s re , Magia s. a e Field Confrari

Doce Amizade... Carol Câmara e Andrea Sohn são um doce de amigas. As duas trabalham no segmento de sorvetes e tortas, todo s de dar água na boca. Carol, junto com sua família, é representante da Kibon, e Andr ea herdou o dom de sua avó, e faz as deliciosa s tortas da D. Muchi.

Foto: Giovani Lorenzen

Foto: Summ

er Floripa

A blondie Cr is Martins, ge rente nacional da marca de ac essórios finos Fr ancesca Rom ana Diana, sinôni mo de bom go sto e elegância, deu um rasa nte na Ilha para pr estigiar uma superfesta de am igas, e foi ci ceroneada pela gerente com ercial da marca FR D do Floripa Shopping, Jo ice Bresolin . 72

A Presidente da APAE de Florianópolis, Arlete Torri, em estado de gra ça, entregando placa de agradecimento para a madrinha da 26º Feira da Esperança, a prime ira dama de Santa Cat arina, Maria Angélica Col ombo, na FIESC, onde aconteceu o jantar de prestação de contas par a a imprensa, voluntári os e colaboradores. Ne sse ano, a Feira da Espera nça, que é o maior eve nto filantrópico do Brasil, bateu o recorde de púb lico e de arrecadação, ren dendo para a APAE um total de R$ 2.211.800,00. Foto: Summer Floripa


Foto: Marco

Dutra

As amigas e em pr Stringhini, fran esárias Marilete queada de to das as lojas O Boticário da Grande Floria nópolis, e Neusa, proprie tária da loja Pi etra no Beiramar Shop ping, estão se mpre em sintonia, no tr abalho e no la zer. Apesar da correria do dia a dia, não abrem mão de partic ipar dos sara us literários da ACALI - As sociação Cata rinense do Livro.

A dentista Paula Paes, da ONG Onça Sorriso e a banqueteira Ana Cristina, da Charme Coquetéis, felizes, comemorando a ótima fase que ambas estão vivendo. Workaholics assumidas, as duas são profissionais de primeira grandeza e têm em comum o voluntariado, o amor pelo trabalho e muita alegria de viver.

Foto: Summer Floripa

Foto: Norton José

A querida Rose An drade, em momento de carin ho, emoldurada pelas amigas Fla vinha Emerim e Giuliana Siqueir a, na festa de nív er que ganhou do ma ridão Dalton Andrade. O festã o foi no Lira Tênis Clube, com um supershow do DJ Xispita e su a banda, buffet impecável do De biga’s, decoraçã o magnífica do me stre Aldo Duarte e cerimonial da ex pert Cássia Silva .

Rosane Girardi, Abreu Júnior, que é o curador da Mostra Casa Nova que acontecerá em setembro, e Sérgio Bastos, trio de renomados arquitetos que vem desenvolvendo belíssimos projetos por todo o nosso Estado, prestigiando a festa de lançamento da Persol, do amigo Carlos Machado.

Foto: Mariana Boro

e Fernando Solon Os empresários no es nt ta en es pr re André Larson, a americana CaliBrasil da empres beram a cantora ce re s, fornia Boat mais uma cene Deborah Blando s em um almoço do ida nv co tena de ikô, em Jurerê Ta no superespecial o ra lançamento Internacional, pa nns, no Brasil. Wi ur Fo da lancha

la

rio Amendo

Foto: Roge

73


Adri Piazza

Social | Florianópolis Victor & Gabi casamento de de emoção o Lindo e cheio brielle Cunha Ga e d Gevaer Victor Althoff iovese, em ng teceu na Sa Dias que acon iva estava no A . oa sb Li o de Santo Antôni egonese. O Fr ia lv Sí stido de divina, em ve ra os Caspa lua de mel casal partiu em ire e para a Toscana. do Lo telos do Vale

Foto: Jared Windmüller

O “sim” de Monica e Rodrigo Monica Bonelli Paulo e Rod rigo Prazeres reuniram a sociedade de Floripa na Associação Catarinense dos Magistrados para cele brarem a sua união. A decoração ficou a cargo da expert Ninha Flor, de Blumenau, e o buffet do top Chef Leno, do Grupo Styllu’s.

Renato e Lucia Helena Prazeres, Rodrigo Prazeres, Monica Bonelli Paulo, Eduardo e Sonia Bonelli Paulo Foto: Jared Windmüller

Em Paris Martina S. Thiago e M arcus Jard tagonizara im prom um casa mento dign conto de fa o de um das em Par is, no Hotel De Floripa, George V. foi um gran de grupo de do casal e ta amigos mbém dos pa decoração, is dos noivos esplendoro .A sa, foi do fa florista Jeff moso Leatham.

Os noivos Martina S. Thiago e Marcus Jardim. Foto: Siomara Barbosa

Yolanda Marcondes de Mattos, Alexandre Lenfers, Flavia Marcondes de Mattos e Fernando Marcondes de Mattos

Carlos Laitano, Ca rmem Laitano e Guilherme Marcond es de Mattos. Fotos: Marcus Quint Flávia e Alexandre A união do casal Flávia e Ale xandre foi realizada no empreendim ento da família, o Costão do San tinho. A cerimônia foi organizada pela supercompetente Cássia Silva. Foram convidados apenas familiar es e amigos muito íntimos, num total de 70 pessoas.

74


Impressos especiais para todos os sonhos e orรงamentos

75


Friozinho bom

Fernando Lackman

Social | Brasília

m Brasília. Muitos casacos já pode O inverno começou com tudo em país. Nada como do tal capi da a baix ade umid ser vistos nas ruas de as me - produções impecáveis e chei poder mostrar - com muito char , aqui idos nasc ou ção, ilienses de cora de requinte. Para tanto, os bras bem. A gasanda a mod A os. caíd xos quei investem em looks de deixar iada e as festas frequentadas pela tronomia tem sido bastante prem e incríveis com muito champanhe ings rank am high society ainda ocup papos agradáveis. Vem ver!

Para relaxar...

sa, a arr de Bode e sua espo O empresário Xavie idados nv co m bregt, recebera quiteta Janet Volle . Entre ília as Br at Flo a Sp o do dor do vips na inauguraçã ixa ba Em o s m presente de e os convivas estivera Ra ter ixos, Sr. Kees Pie Reino dos Países Ba . Rade sua esposa Katarina opod, adas as cápsulas I-s No local estão instal a e oferecem err lat Ing da nte que vieram diretame uática de derno em terapia aq o que há de mais mo o Londres! flutuação. Luxo, tip

O casal proprietário do spa Float Brasília com a embaixatriz Katarida Rade e o embaixador dos Países Baixos, Kees Rade. Foto: Gilberto Evangelista

Iluminando

Esquerda: A diretora da Casa Cor Brasília, Moema Leão. Direita: Flávia Andrade, Ângela Brito e Rafael Andrade. Fotos: Rômulo Juracy

Dica nacional!

ssoas positivas para as pe Espalhar vibrações Armazém na sta uli pa fe gri a foi o que motivou tas. As especial de camise a lançar uma linha e expresqu s ere das com diz t-shirts são estampa #felicidade r, mo #a : mo co s nto sam bons sentime st have ade, que já virou mu e #respeito. A novid flagna da adas, está à ven entre as mais anten g (São pin op Sh bi rum Mo no ship store da marca de todo is lojas multimarcas Paulo) e nas principa o Brasil.

76

ses nalidades brasilien Mais de 350 perso çamento da lan de l ete qu co participaram do nação vo espaço de ilumi Dessine, o mais no via e Flá s ão rm Os sócios-i da capital federal. loja com a la be a ram ura ug Rafael Andrade ina alidade r excelência em qu proposta de alcança sa que pre m de ser uma em e atendimento, alé o de us no s de ida bil ssi po oferece um universo . de stentabilida alta tecnologia e su


Mais energ

ia

A loja conc eito Up Ene rgy, para festej ar um ano no realizou coquetel mercado. N oração, os a proprietário s da loja, Ju comemDaniel Calil, liana e receberam cerca de 20 dados em es 0 convipaço prepar ado especi para a ocas almente ião, no bada la Salomão. do shopping Gilberto Raphaella Coelh o, Aparecida Coelho e Janilto Lima foram conferir as novid ades da Up Energy.

Festa br

idal

Débora Morais, a atriz Priscila Fantin, Deise Av iz e Cloves Nune s no encerramento do desfile. Foto: Cristiano Ta vares.

O Unique Palace fo pela esti i lista esp o espaço escolh id ecializad noivas, D a em ves o ébora M tidos de orais, pa da coleç ra o lanç ão “J’ad ame ore Márcia L ima, a es ”. Com mailing fi nto no de tilista m e muita ostrou v beleza e estidos m mode maquiad lo s as pelo h p air stylis enteadas e e sua eq t Cloves uip Nunes abriu a n e. A estilista, Ce n oite com modelos ci Quevedo, para ma de dri os vestid nhas. As joias qu festa e looks os levam e a assina adornaram Deise Av tura da jo iz. alheira Para abri lh tin subiu antar a noite, a a triz Prisc à passare ila Fanpúblico. la e jogo u Noite ine squecíve buquês para o l!

Vem de fora... A Brasília do passado nunca foi palco para muitos shows internacionais. De uns anos pra cá, o cenário tem mudado bastante e produtores de todo o mundo têm enxergado a capital do país como um bom local para nomes do exterior. Já pudemos vislumbrar apresentações de Rihanna, Shakira, The Cranberries e muitos outros. No segundo semestre de 2013, não será diferente. A Capital da República recebe Morrissey, ex-vocalista do The Smiths, e a estrela mais esperada do ano: Beyoncé. O primeiro se apresenta no dia 2 agosto, no espaço Arena Brasília, no Shopping Iguatemi. Já a rainha do pop moderno, apresenta a turnê “The Mrs. Carter Show World Tour”, dia 17 de setembro, no novíssimo Estádio Internacional de Brasília Mané Garrincha. Para quem curte algo mais clássico terá a temporada do espetáculo Corteo, do Cirque Du Soleil. A grande tenda será armada no estacionamento do mesmo estádio em que Bey se apresenta mais tarde. A estreia para vips do Cirque ocorrerá nas primeiras semanas de agosto. 77


78


Fotos: Rogerio Amendola

Circulando

02

01

03

06

04

05

07

08

01 - Deborah Blando 02 - Ange la Amin 03 - Rachel Sardinha e Clarissa Antunes 04 - Prisc ila Ribeiro 05 - Flavia Philippi Sampaio 06 - Cícero Bittar e Luiza Gutierrez 07 - Zé Paiva 08 - Flávia Koerich Mafra, Mar ia Claudia Evangelista, Carol Lobato, Thais Serpa, Jadna Hein zen

79


Psicologia

O significado simbólico das doenças Por Karina Boabaid May

N

o século XIX, Claude Bernard, um grande pesquisador da área médica, escreveu: “As doenças pairam sobre nós constantemente, suas sementes são levadas pelo vento, mas elas só se enraízam num terreno que já está pronto para recebê-las.” Dizem que Pasteur, o pai da microbiologia, disse, em seu leito de morte: “Bernard está certo. O germe não é nada; o terreno é tudo.” Por terreno, certamente Pasteur se referia ao mundo externo e ao mundo interno de cada um de nós. Duzentos anos se passaram e grandes nomes de pesquisadores, médicos, filósofos e psicólogos seguiram nesta mesma direção. E aqui estamos nós... Rüdger Dahlke refere-se ao “corpo, como o mais confiável de todos os mestres, deixemo-nos instruir por ele, que nos acompanha passo a passo pela vida e registra nossos descuidos e tropeços com precisão”. As emoções perdidas, as dores escondidas e os traumas reprimidos, que compõem o nosso mundo interno e, por alguma razão, não puderam acessar a consciência, buscam uma saída, e o corpo acaba sendo o palco para a manifestação destes acontecimentos desconhecidos (acontecimentos inconscientes). Similar a uma represa que não consegue conter a força da água, forte demais, quando busca seguir seu fluxo natural, certos acontecimentos são tão carregados de energia, que forçam uma descarga onde os sintomas e as doenças acabam sendo a única alternativa para o conflito interno. Nas palavras do escritor Peter Altenberg, “a doença é o grito de uma alma agredida.” Portanto, saber mais sobre o nosso mundo interno, poder resignificar os sintomas e entender o que nos quer dizer determinada doença é sempre uma solução inteligente, econômica e, como eu gosto de dizer, que nos faz dar um passo à frente na nossa evolução. Karina Boabaid May é psicóloga e psicoterapeuta. CRP 12/01527 | 48 3028 1015 | karinaboabaidm@gmail.com

80


81


82


83


84


Revista Clube do Champanhe #20  

Na nova edição da RCC, a modelo Luiza Freyesleben embeleza nossa capa e páginas. Dedicamos algumas páginas ao inverno e à sua moda sempre...

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you